Cleidson Rosa Alves

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6578937613526956
  • Última atualização do currículo em 25/01/2017


Possui graduação em Engenharia Civil pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (2012). Pós Graduação em Engenharia de Segurança do Trabalho (Unesc). Cursando Mestrado em Engenharia Civil - Construção Civil (UFSC). Cursando Pós Graduação em Formação Pedagógica para Educação Técnica e Tecnológica em Instituto federal de Santa Catarina (IFSC). Tem experiência na área de Engenharia Civil, com ênfase em Projetos Hidráulicos, Estruturais, e Elétricos de baixa tensão. Atualmente realiza pesquisas voltadas para sustentabilidade e utilização dos resíduos na Construção Civil. É Docente no Instituto Federal de Educação - IFSC Campus Criciúma-SC. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Cleidson Rosa Alves
Nome em citações bibliográficas
ALVES, C. R.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Federal de Santa Catarina, Instituto Federal de Santa Catarina - Campus Criciúma.
Rodovia SC-443 - lado ímpar
Vila Rica
88813600 - Criciúma, SC - Brasil
Telefone: (48) 34625000
URL da Homepage: WWW.IFSC.EDU.BR


Formação acadêmica/titulação


2015
Mestrado em andamento em Engenharia Civil.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil. Orientador: Fernando Pelisser.
2013 - 2015
Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho. (Carga Horária: 600h).
Universidade do Extremo Sul Catarinense, UNESC, Brasil.
Título: PLANEJAMENTO, ORGANIZAÇÃO E EXECUÇÃO DE MEDIDAS DE PROTEÇÃO CONTRA ACIDENTES EM ALTURA NA CONSTRUÇÃO CIVIL: ESTUDO DE CASO NA CIDADE DE CRICIÚMA-SC.
Orientador: Ana Paula Pupo Correia.
Bolsista do(a): FUNDO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO, FUMDES, Brasil.
2006 - 2012
Graduação em Engenharia Civil.
Universidade do Extremo Sul Catarinense, UNESC, Brasil.
Título: APLICAÇÃO DA NORMA REGULAMENTADORA NR-35 REFERENTE A TRABALHOS EM ALTURA: ESTUDO DE CASO.
Orientador: Clovis Norberto Savi.
Bolsista do(a): .




Formação Complementar


2014 - 2014
Sustentabilidade no dia a dia. (Carga horária: 12h).
Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Federal de Santa Catarina, IFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Docente, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

09/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal de Santa Catarina - Campus Canoinhas, .



Linhas de pesquisa


1.
Gestão de Resíduos Sólidos na Construção Civil


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Estudo de Cimento Geopoliérico utilizando ativador alcalino e resíduos industriais
Descrição: O objetivo desta pesquisa é avaliar a variação das propriedades na utilização do resíduo do polimento de porcelanato (RPP) e o metacaulim com adição de ativador alcalino para uso como material cimentício. ? Analisar as propriedades reológicas e mecânicas do concreto feito com a mistura RPP + MC em seu estado fresco e endurecido; ? Realizar estudo comparativo com diferentes ativadores alcalinos para avaliar a eficiência do material cimentício; ? Classificar o RPP e o MC quanto a sua pozolânicidade de acordo com a NBR 12653 (2014);.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Cleidson Rosa Alves - Coordenador / Diego dos Santos Haltiery - Integrante / Flavia Koch - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal de Santa Catarina - Auxílio financeiro.


Projetos de extensão


2016 - 2016
A importância do gerenciamento dos resíduos sólidos na Construção Civil
Descrição: Este projeto surge para atender uma demanda da comunidade técnica da Construção Civil que vem sofrendo para se adequar as novas exigências quanto ao plano de gerenciamento de resíduos sólidos da construção civil que foi implantado através da Lei nº 12.305/10 que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), porém somente no de 2015 começou a ser cobrada em projetos de edificações. Os profissionais precisam verificar quais resíduos sólidos serão gerados durante a construção da edificação e qual será o destino correto para cada classe de resíduo. Porem estas informações são desconhecidas pela maioria dos profissionais da área, logo pretende-se com este projeto envolver os alunos do Curso técnico em Edificações, a comunidade associada ao CREA-SC e ASCEA (regional), juntamente com uma Empresa (parceiro demandante), responsável pelo destino final dos resíduos e a Prefeitura Municipal de Criciúma-SC, afim de qualificar e expor as possíveis soluções ou formas de agir de acordo com a legislação deste tema. Além disto o Curso Técnico em Edificações, gera resíduos em suas aulas práticas, e desta forma o parceiro demandante poderá expor novas alternativas para a utilização e destinação correta destes resíduos..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (30) .
Integrantes: Cleidson Rosa Alves - Coordenador / Diego dos Santos Haltiery - Integrante / Giovana Leticia Schindler Milaneze - Integrante / Rafael Braz Ibrahim - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal de Santa Catarina - Auxílio financeiro.
2016 - 2016
Noções de combate a incêndio em Escolas Públicas de Criciúma/SC
Descrição: As instituições de ensino público acomodam diversas pessoas entre trabalhadores, alunos e visitantes que usufruem de um ambiente escolar, geralmente estruturado em salas de aula, laboratórios (de química, biologia, física, informática, entre outros), área para alimentação e higiene, setores administrativos, biblioteca e área de lazer e esporte. A utilização destes ambientes pressupõe uso de materiais, equipamentos e máquinas que podem, em algum momento, ocasionar um sinistro, alterando a rotina de execução dos trabalhos. Assim, a adoção de instrumentos de trabalho que propiciem estratégias e procedimentos operacionais para situações de sinistros deve ser desenvolvidos, visando deixar as instituições de ensino preparadas para situações projetadas com incêndio. Atualmente, as instalações físicas de instituições de ensino contam com estratégias de prevenção e combate a incêndio, comumente na forma de extintores portáteis e hidrantes, porém verifica-se uma carência de instrução formal aos usuários do local sobre os procedimentos técnicos de combate e prevenção a incêndio. Ademais, há situações de desconhecimento sobre os riscos presentes no ambiente escolar envolvendo incêndio e ações emergenciais de controle. Portanto este projeto propõe elaborar material didático de procedimentos emergenciais envolvendo prevenção e combate a incêndio em instituição de ensino e a capacitação de pessoas envolvidas com as instituições parceiras..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Cleidson Rosa Alves - Coordenador / Luciléia Marcon - Integrante / Zedequias Machado Alves - Integrante / Edynara Roldão - Integrante / Heloisa Nunes e Silva - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal de Santa Catarina - Auxílio financeiro.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Civil / Subárea: Estruturas.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica


Outras informações relevantes


APROVADO EM 7° LUGAR NO CONCURSO PARA DOCENTE DA DISCIPLINA DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO DO instituto FEDERAL CATARINENSE.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/01/2019 às 23:34:59