Alexandre Catto Calvi

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9766765651642499
  • Última atualização do currículo em 30/03/2018


Possui graduação em Gestão em Agronegócio, Agronomia pela Universidade Estadual de Maringá, com estágio internacional em fazenda de produção de grãos no estado americano no estado da North Dakota na Rustebakke Farm. Atualmente participa ativamente do grupo de Pesquisa de Melhoramento de Feijão Comum e de Biologia Molecular do Núcleo de Pesquisa Aplicada a Agricultura (Nupagri) como mestrando no Programa de Pós Graduação em Genética e Melhoramento (PGM) sob orientação da prof Dra Maria Celeste Gonçalves Vidigal (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Alexandre Catto Calvi
Nome em citações bibliográficas
CALVI, A. C.


Formação acadêmica/titulação


2016 - 2018
Mestrado em Genética e Melhoramento.
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Título: Avaliação da população RIL CDRK x Yolano com diferentes raças de Colletotrichum lindemuthianum e Pseudocercospora griseola.,Ano de Obtenção: 2018.
Orientador: Maria Celeste Gonçalves-Vidigal.
Coorientador: Giseli Valentini.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2011 - 2015
Graduação em Agronomia.
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Título: Levantamento Diagnóstico e Planejamento do Sítio da Peroba.
Orientador: Marcelo Gonçalves Balan.
2008 - 2010
Curso técnico/profissionalizante em Gestão em Agronegócio.
Centro de Ensino Superior de Maringá, CESUMAR, Brasil.
2000 - 2003
Ensino Médio (2º grau).
Colégio Estadual Doutor Camargo, CEDC, Brasil.




Formação Complementar


2012 - 2013
Lingua Inglesa. (Carga horária: 120h).
Classy Idiomas, CLASSY, Brasil.
2002 - 2003
Lingua Inglesa. (Carga horária: 90h).
Looking 4 Idiomas, LOOKING 4, Brasil.
2002 - 2003
Ingles. (Carga horária: 224h).
Looking 4 Idiomas, LOOKING 4, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 150
Outras informações
Projeto de Pesquisa: Estrutura populacional, caracterização e mapeamento de genes em acessos de feijão oriundos do Paraná, Argentina e Africa. Função exercida: Colheita de materiais, extração de DNA, técnicas de PCR, análise de gel, isolamento do patógeno Pseudocercospora Griseola.

Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 300
Outras informações
Projeto de Pesquisa: Seleção de linhagens comum visando tolerância a seca baseado em características moleculares, fisiológicas e agronômicas Função: Tratos culturais, colheita a campo, interpretação de resultados, análises de dados.


Cooperativa Agropecuária e Industrial, COCARI, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2015 - Atual
Diversidade genética e caracterização de raças de Pseudocercospora griseola em feijão comum
Descrição: A mancha angular, causada pelo fungo Pseudocercospora griseola, é uma das doenças mais ocorrentes nas áreas produtoras de feijão comum. O uso de cultivares resistentes é indicado como uma estratégia eficaz para controlar o patógeno causados da mancha angula. Vários genes nomeado de Phg-, conferindo resistência a raças específicas de P. griseola, foram descritas. No entanto, a resistência genética a este patógeno é complexa, pois há uma grande diversidade na sua virulência. O objetivo deste trabalho é utilizar as cultivares diferenciais da mancha-angular para caracterizar raças de P. griseola de plantas de feijão comum infectadas e estudar a diversidade genética destes isolados por meio de sequenciamento da região genômica ITS (internal transcribed spacer)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Mapeamento genético da População RIL California Dark Red Kidney x Yolano de feijão comum
Descrição: A população California Dark Red Kidney (Andina) x Yolano (Mesoamericana) de feijão comum foi desenvolvida pelo Dr. Paul Gepts em Davis, CA. Esta população é atualmente formada por um grupo de 111 RIL, a qual será estudada quanto sua reação aos patógenos causadores da antracites e mancha angular do feijão comum. A mesma será genotipada com marcadores SSR (simple sequence repeated) e SNP (single nucleotide polymorphism)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Seleção de linhagens comum visando tolerância a seca baseado em características moleculares fisiológicas e agronômicas
Descrição: O feijão comum é um dos principais componentes da dieta alimentar da maioria da população brasileira, destacando-se como uma das principais fontes de proteína. A cultura do feijão comum apresenta elevada importância socioeconômica para o Brasil, sendo o Paraná o Estado que apresenta maior destaque na produção nacional. No entanto a cultura é severamente castigada com estiagens prolongadas, dessa forma a seleção de linhagens resistentes a seca, viabilizando assim uma melhor sazonalidade de produção do feijão comum em áreas que estão susceptíveis a sofre com a seca..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2009 - Atual
Estrutura populacional, caracterização e mapeamento de genes em acessos de feijão comum oriundos do Estado do Paraná, Argentina e África.
Descrição: O feijoeiro comum é uma leguminosa que se adapta a diferentes condições edafoclimáticas, o que permite seu cultivo em várias épocas do ano, em quase todos os Estados brasileiros, possibilitando constante oferta do produto no mercado. Uma das alternativas para ampliar a base genética do feijoeiro comum é a análise da diversidade genética nas cultivares locais que são cultivadas pelos pequenos agricultores e a partir desses dados utilizarem esta variabilidade para a criação e seleção de novas cultivares resistentes e com elevado potencial produtivo. Dessa forma, o presente projeto tem por objetivos: 1 - Caracterizar a variabilidade genética em cultivares tradicionais de feijoeiro recomendadas para o Paraná e cultivares oriundas da África utilizando marcadores moleculares microssatélites; 2 - Avaliar o polimorfismo de microssatélites utilizando genótipos contrastantes (Andinos e Mesoamericanos) de feijoeiro; e Identificar marcadores moleculares microssatélites ligados a genes de interesse econômico..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2014 - 2014
Extensão Rural Dia de Campo Rotação de Culturas e Gessagem
Descrição: Projeto de Extensão Rural orientado pelo professor Dr. Osvaldo Hidalgo da Silva, realizado no município de Ivatuba -PR, para produtores Rural e acadêmico..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Melhoramento Genético.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SOUZA, M. C. M.2017 SOUZA, M. C. M. ; MC1, G. ; CALVI, A. C. . GENETIC VARIABILITY OF Colletotrichum lindemuthianum BY SEQUENCING ITS REGIONS. ANNUAL REPORT OF THE BEAN IMPROVEMENT COOPERATIVE, v. 60, p. 09 - 10, 2017.

2.
Caixeta, MP2016 Caixeta, MP ; Gonçalves-Vidigal MC ; Valentini G ; CALVI, A. C. ; ELIAS, J. C. F. . AN EFICIENT CULTURE MEDIUM FOR INCREASING SPORULATION OF PSEUDOCERCOSPORA GRISEOLA. Annual Report of the Bean Improvement Cooperative, v. 59, p. 39-40, 2016.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
DARTIBALE, GB ; SOUZA, M. C. M. ; MC1, G. ; CALVI, A. C. . VARIABILIDADE GENÉTICA EM ISOLADOS DE Colletotrichum lindemuthianum. In: Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2017, Foz do Iguaçu. E-BOOK do 9º CBMP, 2017. v. 1. p. 476.

2.
ELIAS, J. C. F. ; Gonçalves-Vidigal MC ; Valentini G ; CALVI, A. C. . QTLs ASSOCIATED WITH HYDRIC STRESS IN COMMON BEAN. In: Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas, 2017, Foz do Iguaçu. E-BOOK do 9º CBMP, 2017. v. 1. p. 412.

Artigos aceitos para publicação
1.
XAVIER, L. F. S. ; POLETINI, J. P. ; Gonçalves-Vidigal MC ; CALVI, A. C. . RACES OF Colletotrichum lindemuthianum IN COMMON BEAN FROM PARANÁ STATE. ANNUAL REPORT OF THE BEAN IMPROVEMENT COOPERATIVE, 2018.

2.
CALVI, A. C.; Gonçalves-Vidigal MC ; Valentini G ; DARTIBALE, GB ; Souza,V B ; Gepts, Paul . CO-SEGREGATION OF RECOMBINANT INBRED LINES OF THE CALIFORNIA DARK RED KIDNEY × YOLANO TO RACES 73 AND 3481 OF Colletotrichum lindemuthianum. ANNUAL REPORT OF THE BEAN IMPROVEMENT COOPERATIVE, 2018.

3.
Souza,V B ; Gonçalves-Vidigal MC ; Valentini G ; CALVI, A. C. . SOURCES OF RESISTENCE TO Colletotrichum lindemuthianum IN COMMON BEAN LANDRACES FROM BRAZIL. ANNUAL REPORT OF THE BEAN IMPROVEMENT COOPERATIVE, 2017.

Apresentações de Trabalho
1.
DARTIBALE, GB ; Gonçalves-Vidigal MC ; CALVI, A. C. . 'VARIABILIDADE GENÉTICA EM ISOLADOS DE Colletotrichum lindemuthianum'. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
DARTIBALE, GB ; Gonçalves-Vidigal MC ; SOUZA, M. C. M. ; Valentini G ; CALVI, A. C. . IDENTIFICAÇÃO DE FONTE DE RESISTÊNCIA AO Colletotrichum lindemuthianum EM FEIJÃO COMUM PHASEOLUS VULGARIS .L. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
DARTIBALE, GB ; SOUZA, M. C. M. ; Gonçalves-Vidigal MC ; CALVI, A. C. . Caracterização de isolados de Colletotrichum lindemuthianum em feijão comum (Phaseolus vulgaris L.) oriundos dos estados do Paraná e de Pernambuco. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).



Bancas




Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
CALVI, A. C.; XAVIER, L. F. S.. 26 Encontro Anual de Iniciação Cientifica e 6 Encontro Anual de Iniciação Cientifica Junior. 2017. Universidade Estadual de Maringá.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Bean Improvement Cooperative - BIC. CO-SEGREGATION OF RECOMBINANT INBRED LINES OF THE CALIFORNIA DARK RED KIDNEY × YOLANO TO RACES 73 AND 3481 OF Colletotrichum lindemuthianum. 2017. (Congresso).

2.
Simpósio de Biotecnologia Ambiental. 2016. (Simpósio).

3.
Plataforma e Currículo Lattes. 2015. (Encontro).

4.
XIII Seminário Nacional Milho Safrinha. 2015. (Seminário).

5.
11 Congresso Nacional de Pesquisa de Feijão (CONAFE). 2014. (Congresso).

6.
Ciclo de Debates Agronômicos. 2013. (Seminário).

7.
Ciclo de Debates Agronômicos. 2011. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CALVI, A. C.. Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas. 2017. (Congresso).

2.
CALVI, A. C.. XIII Seminário Nacional Milho Safrinha. 2015. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos aceitos para publicação
1.
XAVIER, L. F. S. ; POLETINI, J. P. ; Gonçalves-Vidigal MC ; CALVI, A. C. . RACES OF Colletotrichum lindemuthianum IN COMMON BEAN FROM PARANÁ STATE. ANNUAL REPORT OF THE BEAN IMPROVEMENT COOPERATIVE, 2018.

2.
Souza,V B ; Gonçalves-Vidigal MC ; Valentini G ; CALVI, A. C. . SOURCES OF RESISTENCE TO Colletotrichum lindemuthianum IN COMMON BEAN LANDRACES FROM BRAZIL. ANNUAL REPORT OF THE BEAN IMPROVEMENT COOPERATIVE, 2017.

3.
CALVI, A. C.; Gonçalves-Vidigal MC ; Valentini G ; DARTIBALE, GB ; Souza,V B ; Gepts, Paul . CO-SEGREGATION OF RECOMBINANT INBRED LINES OF THE CALIFORNIA DARK RED KIDNEY × YOLANO TO RACES 73 AND 3481 OF Colletotrichum lindemuthianum. ANNUAL REPORT OF THE BEAN IMPROVEMENT COOPERATIVE, 2018.



Outras informações relevantes


Curso de língua avançado na instituição CLASSY Language School de nível avançado no período de Setembro de 2012 a Dezembro de 2013 com a carga horária de 120 h/a



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/01/2019 às 8:48:36