Jardel Gybson Soares Costa

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9890735407665504
  • Última atualização do currículo em 11/09/2018


Graduando em Engenharia Civil pelo Centro Universitário FG - UniFG de Guanambi. Atualmente é pesquisador discente do corpo Técnico-científico do Observatório UniFG do Semiárido Nordestino, aprovado em março de 2018, com bolsa de Iniciação Científica - IC, onde também integra o Núcleo de Pesquisa Geotecnia e Saneamento Ambiental (GESA) mantido pelo Centro Universitário FG - UniFG de Guanambi. Membro da Associação Alfa Júnior Engenharia (ALFA JR), onde integra a diretoria executiva como diretor administrativo/financeiro. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Jardel Gybson Soares Costa
Nome em citações bibliográficas
COSTA, J. G. S.

Endereço


Endereço Profissional
Centro Universitário FG, Observatório UniFG do Semiárido Nordestino.
Avenida Barão do Rio Branco, 459
Centro
46430000 - Guanambi, BA - Brasil
Telefone: (77) 34518400
URL da Homepage: http://observatorio.faculdadeguanambi.edu.br


Formação acadêmica/titulação


2015
Graduação em andamento em Engenharia Civil.
Centro Universitário FG, UNIFG, Brasil.
Título: .......
Orientador: .......
Bolsista do(a): Observatório do Semiárido Nordestino, OFGSN, Brasil.
2010 - 2013
Ensino Médio (2º grau).
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano, IFBAIANO, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
MINICURSO: SKETCHUP. (Carga horária: 2h).
Faculdade de Guanambi, CESG, Brasil.
2017 - 2017
MINICURSO: REVIT.. (Carga horária: 2h).
Faculdade de Guanambi, CESG, Brasil.
2017 - 2017
MINICURSO: ROBOT. (Carga horária: 4h).
Faculdade de Guanambi, CESG, Brasil.
2017 - 2017
MINICURSO: AUTOCAD. (Carga horária: 4h).
Faculdade de Guanambi, CESG, Brasil.
2016 - 2016
Gestão Ambiental Municipal: Mapeamento dos problemas e possíveis soluções. (Carga horária: 4h).
Universidade do Estado da Bahia, UNEB, Brasil.
2015 - 2015
Extensão universitária em OFICINA DE APERFEIÇOAMENTO 2015.2. (Carga horária: 40h).
Faculdade de Guanambi, CESG, Brasil.
2014 - 2014
ANÁLISE ESTRUTURADA DE SISTEMAS. (Carga horária: 31h).
Fundação Bradesco, BRADESCO, Brasil.


Atuação Profissional



Centro Universitário FG, UNIFG, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Discente Pesquisador, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista de Iniciação Cientifica - IC do Observatório UniFG do Semiárido Nordestino.

Atividades

08/2018 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Observatório UniFG do Semiárido Nordestino, .

03/2018 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Observatório UniFG do Semiárido Nordestino, .

03/2018 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Observatório UniFG do Semiárido Nordestino, .

Linhas de pesquisa
Geoprocessamento
08/2016 - 08/2018
Pesquisa e desenvolvimento , Observatório UniFG do Semiárido Nordestino, .

10/2017 - 10/2017
Extensão universitária , Faculdade Guanambi, .

Atividade de extensão realizada
Monitoria voluntária - I SEMANA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (SECITEC) - TECNOLOGIAS COMPUTACIONAIS E ENGENHARIAS SUSTENTÁVEIS (Carga Horária 12h).
09/2017 - 09/2017
Extensão universitária , Faculdade Guanambi, .

Atividade de extensão realizada
Monitoria voluntária - MESA REDONDA: BIOMAS BRASILEIROS E DEFESA DA VIDA (Carga Horária 8h).
11/2016 - 11/2016
Extensão universitária , Faculdade Guanambi, .

Atividade de extensão realizada
Monitoria Voluntária - II FG ALÉM DA TEORIA (Carga Horária 4h)..

Associação Alfa Júnior Engenharia, ALFA JR, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Membro, Enquadramento Funcional: Diretor Administrativo/Financeiro, Carga horária: 20



Linhas de pesquisa


1.
Observatório UniFG do Semiárido Nordestino

Objetivo: O Observatório UniFG do Semiárido Nordestino é um centro de referência técnico, socioeconômico, jurídico, ambiental e da saúde, com o intuito de nortear projetos, desenvolver pesquisas e ações que contribuam com o desenvolvimento do semiárido. Possui características multidisciplinares, buscando contribuir para a formulação e implantação de políticas públicas. Foi criado com o objetivo de produzir conhecimentos via diagnósticos socio-espaciais, articulando projetos de extensão com disciplinas nos vários cursos de graduação e pós-graduação do Centro Universitário UniFG. Nesse contexto, o foco do Observatório UniFG do Semiárido Nordestino é a investigação científica aplicada com o intuito de socializar informações e potencializar pesquisas. http://observatorio.faculdadeguanambi.edu.br/sobre/..
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Ciências Sociais Aplicadas.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Planejamento Urbano e Regional / Subárea: Ciências Sociais Aplicadas.
Palavras-chave: Semiárido Nordestino; Análise Espacial; Geotecnologias.
2.
Geoprocessamento

Objetivo: Dinamizar as análises dos dados e a divulgação das informações do Observatório UniFG do Semiárido Nordestino,utilizando-se para tanto os instrumentos geotecnológicos. As geotecnologias abrangem as seguintes técnicas: Sensoriamento Remoto; Geoprocessamento (Sistema de Informação Geográfica ? SIG, Cartografia Digital, Processamento Digital de Imagem ? PDI); Sistema de Posicionamento Global (GPS); Geodésica; e Topografia Clássica (LEITE & ROSA, 2002). http://observatorio.faculdadeguanambi.edu.br/instrumentos-de-analise/..
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geografia Física / Especialidade: Geocartografia..
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geoprocessamento..
Palavras-chave: SIG; GPS; ArcGIS; Google Earth.
3.
Conservação e Biodiversidade do Semiárido ? CONBIOS

Objetivo: O Núcleo de Pesquisa da Conservação e Biodiversidade do Semiárido ? CONBIOS tem como intuito o desenvolvimento de pesquisas aplicadas em Biologia e ciclagem de nutrientes em solo; biomassa florestal; Ecologia e conservação de populações; comunidades e ecossistemas; genética da conservação; impactos ambientais e recuperação de áreas degradadas; manejo e conservação do solo e água das Bacias Hidrográficas; políticas, economia, administração, planejamento e direito ambiental; novas tecnologias aplicadas ao desenvolvimento sustentável; reuso de águas e o reaproveitamento de resíduos no semiárido brasileiro..
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Conservação da Natureza.
Palavras-chave: Conservação; Biodiversidade.
4.
Geotecnia e Saneamento Ambiental

Objetivo: Núcleo de Pesquisa em Geotecnia e Saneamento Ambiental ? GESA ? é de caráter multidisciplinar tendo como tópico o estudo as condições, elementos e dinâmicas socioambientais do semiárido, bem como a caracterização dos processos do meio físico e a previsão de alterações a que estes processos estão sujeitos face a implementação de obras civis. O GESA tem por objetivo ampliar o conhecimento dos fenômenos de poluição das águas, do ar e do solo, decorrentes tanto de atividades domésticas quanto industriais e de serviços, bem como soluções de problemas geotécnicos, avaliação de impacto ambiental, recuperação de áreas degradadas, monitoramento ambiental e estudo de viabilidade de áreas para implantação de aterros..
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Sanitária / Subárea: Saneamento Ambiental.
Palavras-chave: Geotecnia; Saneamento Ambiental.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geoprocessamento..
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geografia Física / Especialidade: Geocartografia.
3.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Conservação da Natureza.
4.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Sanitária / Subárea: Saneamento Ambiental.
5.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Civil.
6.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Ciências Sociais Aplicadas.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2018
Bolsa de Iniciação Científica, Observatório UniFG do Semiárido Nordestino (OFGSN/UniFG).


Produções



Produção bibliográfica
Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
COSTA, J. G. S.; FAGUNDES, C. E. L. ; XAVIER, J. H. R. ; SANTOS, J. S. ; SILVA, N. L. . RESÍDUOS SÓLIDOS INDUSTRIAIS: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA SOBRE O GERENCIAMENTO. In: V Congresso Baiano de Engenharia Sanitária e Ambiental, 2018, Juazeiro - BA. V Congresso Baiano de Engenharia Sanitária e Ambiental, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
COSTA, J. G. S.; FAGUNDES, C. E. L. ; XAVIER, J. H. R. ; SANTOS, J. S. ; SILVA, N. L. . RESÍDUOS SÓLIDOS INDUSTRIAIS: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA SOBRE O GERENCIAMENTO. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
COSTA, J. G. S.. LOCALIZAÇÃO DO TERRITÓRIO DO SERTÃO PRODUTIVO. 2018. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

2.
COSTA, J. G. S.. POPULAÇÃO TOTAL (CENSO 2010) DO TERRITÓRIO DO SERTÃO PRODUTIVO (BA). 2018. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

3.
COSTA, J. G. S.. ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO ? IDH (2010) DO TERRITÓRIO DO SERTÃO PRODUTIVO (BA). 2018. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
AULA INAUGURAL - TEMA: ?VULNERABILIDADE E BEM-ESTAR EMOCIONAL NO AMBIENTE UNIVERSITÁRIO?. 2018. (Outra).

2.
I Fórum Guanambiense de Educação Ambiental. 2018. (Outra).

3.
V Congresso Baiano de Engenharia Sanitária e Ambiental. RESÍDUOS SÓLIDOS INDUSTRIAIS: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA SOBRE O GERENCIAMENTO. 2018. (Congresso).

4.
AVALIAÇÃO DE IMÓVEIS RURAIS. 2017. (Outra).

5.
AVALIAÇÕES DE IMÓVEIS URBANOS. 2017. (Outra).

6.
BARRAGENS E CONTENÇÃO. 2017. (Outra).

7.
CAMPOS DE ATUAÇÃO DO PROFISSIONAL DE ENGENHARIA CIVIL. 2017. (Outra).

8.
CASAS INTELIGENTES. 2017. (Outra).

9.
CREA JÚNIOR. 2017. (Outra).

10.
FUNDAÇÕES EM RADIER ESTAQUEADO. 2017. (Outra).

11.
I FEIRA DE ENGENHARIAS, CIÊNCIA E TECNOLOGIA. 2017. (Feira).

12.
I SEMANA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA (SECITEC) - TECNOLOGIAS COMPUTACIONAIS E ENGENHARIAS SUSTENTÁVEIS. 2017. (Congresso).

13.
MESA REDONDA: BIOMAS BRASILEIROS E DEFESA DA VIDA. 2017. (Encontro).

14.
MODERNIZAÇÃO DE PROJETOS DE IRRIGAÇÃO. 2017. (Outra).

15.
REGULARIZAÇÃO DE EMPREENDIMENTOS. 2017. (Outra).

16.
SISTEMAS DE GESTÃO INTEGRADO. 2017. (Outra).

17.
II FG ALÉM DA TEORIA. 2016. (Exposição).

18.
I SEMINÁRIO SOCIOAMBIENTAL. 2016. (Seminário).

19.
SIMULADO ENADE DE ENGENHARIA CIVIL. 2016. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
COSTA, J. G. S.; RAMOS, T. E. S. ; FAGUNDES, C. E. L. . I Workshop De Engenharia Civil. 2017. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
COSTA, J. G. S.; FAGUNDES, C. E. L. ; XAVIER, J. H. R. ; SANTOS, J. S. ; SILVA, N. L. . RESÍDUOS SÓLIDOS INDUSTRIAIS: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA SOBRE O GERENCIAMENTO. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/12/2018 às 12:41:20