Melissa Meirelles Pereira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5316728652014628
  • Última atualização do currículo em 21/04/2017


Graduada em Geologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Atualmente trabalhando no Projeto Gondwana, em gerar o mapa magnetométrico do Gondwana para inserir no produto final do projeto. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Melissa Meirelles Pereira
Nome em citações bibliográficas
PEREIRA, M. M.


Formação acadêmica/titulação


2010 - 2016
Graduação em Geologia.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Reconstrução das margens conjugadas Brasil-Africa (segmento Campos-Santos) para o intervalo de 130-111Ma - a partir de dados geológicos e magnetometria.
Orientador: Renata Schmitt.
Bolsista do(a): Coordenação de Projetos, Pesquisas e Estudos Tecnológicos, COPPETEC, Brasil.
2005 - 2008
Ensino Médio (2º grau).
Centro de Ensino Integrado Nova Vida de Alcântara, CEIVA, Brasil.




Formação Complementar


2015 - 2015
GPlates. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
2015 - 2015
Inglês. (Carga horária: 240h).
Omnicom - School of Languages, OSL, Canadá.
2012 - 2014
Inglês. (Carga horária: 216h).
On You, OY, Brasil.
2008 - 2010
Piano. (Carga horária: 272h).
Escola de Música Villa Lobos, EMVL, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Coordenação de Projetos, Pesquisas e Estudos Tecnológicos, COPPETEC, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Revisão do mapa geológico do Gondwana, Carga horária: 20
Outras informações
Digitalização e edição do mapa geológico do Escudo Arábico, como parte do paleocontinente Gondwana. Construção do banco de dados digital magnético do paleocontinente Gondwana, a partir de dados disponível mundial de satélite e de artigos publicados. Esses mapas foram gerados através do software da base Geosoft. Além disso, também foram produzidos mapas de reconstrução continental entre América do Sul e África com uma análise detalhada da assinatura magnética das margens continentais conjugadas no segmento Campos-Cuanza, localizados no Atlântico Sul, na qual foi utilizado o software de reconstrução GPlates.



Projetos de desenvolvimento


2012 - Atual
"Revisão do Mapa Geológico do Gondwana"
Descrição: O objetivo deste projeto é criar um centro de referência na América do Sul para guardar o banco de dados do paleocontinente Gondwana e gerar o novo mapa do Gondwana através da integração dos dados geológicos dos cinco continentes atuais, com ênfase na resolução de problemas geológicos de correlação entre América do Sul e África (Gondwana Oeste). Os objetivos específicos são: - integrar e atualizar o conhecimento sobre a formação, história e fragmentação do paleocontinente Gondwana - gerar um banco digital dos dados geológicos do Gondwana, referência mundial, com todas as publicações e mapas, no Centro Digital Gondwana de Geoprocessamento (CDGG); - apresentar geologia de detalhe nas áreas-piloto de correlação entre América do Sul e África com mapas novos e dados estruturais, geoquímicos e geocronológicos, obtidos através dos trabalhos de campo nos dois continentes - reunir um acervo mineral, litológico e paleontológico representativo da evolução do Gondwana, devidamente catalogado e armazenado para exposições futuras...
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica


Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
14º Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de Geofísica‏. 2015. (Congresso).

2.
JORNADA GIULIO MASSARANI DE INCIAÇÃO CIENTÍFICA, TECNOLÓGICA, ARTÍSTICA E CULTURAL.Uso da Atividade Lúdica: Jogo Super Trunfo do Sistema Solar. 2015. (Outra).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 14/12/2018 às 4:33:32