Lahis da Silva Rosa

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9284053323878774
  • Última atualização do currículo em 24/08/2018


Membra do Grupo de pesquisa "Justiça de transição" do Programa de Pós-Graduação em Direito da Universidade de Brasília (PPGD/UNB). Mestranda em Direito, Estado e Constituição, na Universidade de Brasília - UNB na Linha Sociedade, Conflitos e Movimentos Sociais. Integrante do projeto de pesquisa em desenvolvimento sobre a democratização do Poder judiciário a partir de 1988. Pesquisadora do Projeto UnB-STF - Projeto P&D de aprendizado de máquina (machine learning) sobre dados judiciais das repercussões gerais do Supremo Tribunal Federal - STF - Projeto Victor e Pós-Graduada em Direito do Trabalho pela Faculdade de Direito de Vitória. Bacharel em Direito pela Faculdade de Direito de Vitória. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Lahis da Silva Rosa
Nome em citações bibliográficas
ROSA, L. S.


Formação acadêmica/titulação


2017
Mestrado em andamento em Direito.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil. Orientador: Eneá de Stutz e Almeida.
2015 - 2016
Especialização em Pós-graduação em direito material e processual do trabalho. (Carga Horária: 360h).
Faculdades Integradas de Vitória, FDV, Brasil.
Título: O incidente de desconsideração da personalidade jurídica criado pelo Novo CPC e sua (in)aplicabilidade no processo do trabalho.
Orientador: Carlos Henrique Bezerra Leite.
2009 - 2013
Graduação em Direito.
Faculdades Integradas de Vitória, FDV, Brasil.
Título: Cooperativismo x terceirização: uma análise à luz da realidade brasileira..
Orientador: Ana Paula Tauceda Branco.




Atuação Profissional



Instituto Brasiliense de Direito Público, IDP, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 6


Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - 2018
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsa de mestrado, Regime: Dedicação exclusiva.


Faculdades Integradas de Vitória, FDV, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2017
Vínculo: Auxiliar de corpo docente, Enquadramento Funcional: Auxiliar do corpo docente


Soprani e Rosa Advogadas associadas, S&R, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2017
Vínculo: Advogada associada, Enquadramento Funcional: Advogada, Carga horária: 44


Grupo Fibra, GF, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Advogada, Carga horária: 44


Tribunal regional do trabalho 17 Região, TRT, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: estágio, Enquadramento Funcional: estagiária, Carga horária: 20


Aiesec, AIESEC, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: voluntário, Enquadramento Funcional: coordenadora da equipe de relações públicas, Carga horária: 15


Ministério Público Estadual, MPES, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: estágio, Enquadramento Funcional: estágio, Carga horária: 20


Procuradoria Geral do Estado, PGE, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: estágio, Enquadramento Funcional: estagiário, Carga horária: 20



Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: Revista Direito Público


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direito Privado/Especialidade: Direito do Trabalho.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direito Público/Especialidade: Direito Constitucional.
3.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito/Especialidade: Sociologia Jurídica.
4.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Capítulos de livros publicados
1.
ROSA, L. S.; LIMA, M. A. P. . Advocacy Feminista e os direitos das trabalhadoras: atuação das parlamentares em 1986 e 2017. In: Patrícia Tuma Martins Bertolin; Denise Almeida de Andrade; Mônica Sapucaia Machado; Patrícia Brasil Massmann. (Org.). Carta das mulheres aos constituintes 30 anos depois: Balanço e memória. 1ed.Erechim: Deviant, 2018, v. 1, p. 11-23.

2.
ROSA, L. S.. A MEMÓRIA NA TRANSIÇÃO BRASILEIRA: O BLOCO ?PORÃO DO DOPS? E A ATUAÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO. In: 2ª Câmara de Coordenação e Revisão, Criminal ; 6ª Câmara de Coordenação e Revisão, Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais ; Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão.. (Org.). Justiça de transição, direito à memória e à verdade : boas práticas. 4ed.Brasília: MPF, 2018, v. 4, p. 1-558.

3.
ALMEIDA, Eneá de Stutz ; ROSA, L. S. . AS REPARAÇÕES A TRABALHADORES GREVISTAS DA DÉCADA DE 1980 E A COMISSÃO DE ANISTÍA/MJ. In: Eneá de Stutuz e almeida. (Org.). Justiça de transição apontamentos. 1ed.Curitíba: Editora CRV, 2017, v. , p. 1-355.

4.
ROSA, L. S.; LIMA, M. A. P. . A AUSÊNCIAS DA REFORMA DAS INSTITUIÇÕES NO BRASIL E O IMPACTO NO RESGATE, PRODUÇÃO E DIVULGAÇÃO DA MEMÓRIA E VERDADE DA DITADURA PELO ESTADO. In: Eneá de Stutz e Almeida. (Org.). Justiça de transição: apontamentos. 1ed.CURITIBA: EDITORA CRV, 2017, v. , p. 11-355.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ROSA, L. S.; ALMEIDA, Eneá de Stutz . UMA ANÁLISE DA (NECESSÁRIA) REFORMA INSTITUCIONAL DO PODER JUDICIÁRIO À LUZ DA JUSTIÇA DE TRANSIÇÃO NO BRASIL. In: II Congresso de Filosofia para o mundo latino - Ilatina, 2018, Rio de Janeiro. II Congresso de Filosofia para o mundo latino - Ilatina. Rio de janeiro: ILatina, 2018. v. 1. p. 1-13.

2.
ROSA, L. S.; ALMEIDA, Eneá de Stutz . DOS DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS: AS CONSEQUÊNCIAS DA AUSÊNCIA DE REFORMAS INSTITUCIONAIS NO BRASIL, EM ESPECIAL RELATIVAS AOS DIREITOS DOS TRABALHADORES E O MOVIMENTO SINDICAL. In: XXVI EncontroNacional do CONPEDI, 2017, Brasilia. DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS. Florianópolis: CONPEDI, 2017. v. I.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
ROSA, L. S.. O PAPEL DA IMPLEMENTAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS PARA O CONTROLE DA VIOLAÇÃO DE DIREITOS HUMANOS POR EMPRESAS PRIVADAS. In: II CONGRESSO INTERNACIONAL DE DIREITOS HUMANOS, 2017, Portugal. BUSINESS AND HUMAN RIGTHS, 2017.

2.
BURGO, V. ; ROSA, L. S. . A ATUAÇÃO INDIVIDUALIZADA DO JUDICIÁRIO EM UM CONTEXTO COLETIVO: DESESTRUTURAÇÕES. 2017. In: I CONGRESSO INTERNACIONAL DIREITOS FUNDAMENTAIS NA NOVA ORDEM MUNDIAL, 2017, Curitiba. I CONGRESSO INTERNACIONAL DIREITOS FUNDAMENTAIS NA NOVA ORDEM MUNDIAL, 2017.

Apresentações de Trabalho
1.
ROSA, L. S.. O papel da implementação de políticas públicas para o controle da violação de Direitos Humanos por empresas privadas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
ROSA, L. S.; BURGO, V. . A ATUAÇÃO INDIVIDUALIZADA DO JUDICIÁRIO EM UM CONTEXTO COLETIVO: DESESTRUTURAÇÕES. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
ROSA, L. S.; LIMA, M. A. P. . Advocacy Feminista e os Direitos das Trabalhadoras: atuação das parlamentares em 1986 e 2017. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
ROSA, L. S.; FECHER, V. ; FERNANDES, A. D. . Mulheres, memória e ditadura. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica


Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
ALMEIDA, Eneá de Stutz; LIMA, Camila gomes; ROSA, L. S.. Participação em banca de Andreza do carmo alves.A impunidade dos perpetadores de violações dos direitos humanos durante a ditadura militar no Brasil: uma análise da inércia do Estado em reverter a situação. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CARTA DAS MULHERES BRASILEIRAS AOS CONSTITUINTES 30 ANOS DEPOIS, BALANÇO E MEMÓRIA. Advocacy Feminista e os Direitos das Trabalhadoras: atuação das parlamentares em 1986 e 2017. 2017. (Congresso).

2.
Congresso Internacional Direitos Fundamentais na Nova Ordem Mundial,. A ATUAÇÃO INDIVIDUALIZADA DO JUDICIÁRIO EM UM CONTEXTO COLETIVO: DESESTRUTURAÇÕES. 2017. (Congresso).

3.
Governança transversal dos Direitos Fundamentais. 2017. (Outra).

4.
II Congresso Internacional de Direito Público. O papel da implementação de políticas públicas para o controle da violação de Direitos Humanos por empresas privadas. 2017. (Congresso).

5.
Métodos e técnicas de pesquisa empírica no Direito. 2017. (Oficina).

6.
VII Congresso Latino-americano de Direito Material e Processual do Trabalho. A PONDERAÇÃO DE PRINCÍPIOS NA APLICAÇÃO DO INCIDENTE DE DESCONSIDERAÇÃO DA PERSONALIDADE JURIDICA DO NOVO CÓDIGO DE PROCESSO CIVIL NO PROCESSO DO TRABALHO. 2017. (Congresso).

7.
IV Seminário de Ensino Jurídico e Formação Docente. 2015. (Seminário).

8.
XI SEMINÁRIO DE PESQUISA FDV: A Universalidade dos Direitos Humanos em uma Sociedade Complexa.OS PARÂMETROS DA MUTAÇÃO CONSTITUCIONAL. 2013. (Seminário).

9.
Encontro Nacional de Estudantes de Direito - ENED. 2011. (Encontro).

10.
43ª Caravana da Anistia. 2010. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ROSA, L. S.. SEMINÁRIO NACIONAL DE ENSINO JURÍDICO E FORMAÇÃO DOCENTE. 2015. (Congresso).

2.
ROSA, L. S.. FESTIVAL DE CINEMA DE INTERIOR - FECIN. 2014. (Festival).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/10/2018 às 21:34:32