Maria do Carmo Pires

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5506409841588052
  • Última atualização do currículo em 18/06/2018


Possui graduação em História pela Universidade Federal de Ouro Preto (1994), mestrado em História pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1997) e doutorado em História pela Universidade Federal de Minas Gerais (2005). Realizou pós doutorado no Centro de Pesquisa e Documentação (CPDOC), da Escola de Ciências Sociais da Fundação Getúlio Vargas (FGV) (2014) e na Faculdade de História da Universidade Federal de Goiás (UFG) (2017/2018). É professora associado III do Departamento de Turismo da Universidade Federal de Ouro Preto. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Colônia, atuando principalmente nos seguintes temas: igreja,estado, sociedade e cultura em Minas Gerais, câmara municipal, poder local, patrimônio e turismo (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Maria do Carmo Pires
Nome em citações bibliográficas
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Ouro Preto, Departamento de Turismo.
Campus Universitário Morro do Cruzeiro
Bauxita
35400000 - Ouro Preto, MG - Brasil
Telefone: (031) 3135591447
URL da Homepage: http://www.turismo.ufop.br


Formação acadêmica/titulação


2001 - 2005
Doutorado em História.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: "Em Testemunho de Verdade": Juízes de vintena e poder local na comarca de Vila Rica (1736-1808), Ano de obtenção: 2005.
Orientador: Carla M. Junho Anastasia e Renato P. Venâncio(co-orientador).
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil.
Palavras-chave: Minas Gerais, Câmara Municipal, poder local, Brasi; culturas políticas.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História de Minas Gerais.
Setores de atividade: Educação Superior.
1995 - 1997
Mestrado em História.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: Juízes e Infratores: O Tribunal Eclesiástico do Bispado de Mariana (1748-1801),Ano de Obtenção: 1997.
Orientador: Ida Lewkowicz.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Brasil Colônia, Minas Gerais, Igreja, Justiça; Cultura, religiosidade.
Grande área: Ciências Humanas
Setores de atividade: Educação Superior.
1990 - 1994
Graduação em História.
Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
1994 - 1997
Curso técnico/profissionalizante em Magistério.
Escola Estadual Dom Velloso, EEDV, Brasil.


Pós-doutorado


2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História de Minas Gerais.
2014 - 2015
Pós-Doutorado.
Centro de Pesquisa e Documentação da Fundação Getúlio Vargas, CPDOC/FGV, Brasil.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas


Formação Complementar


2004 - 2004
Treinamento Introdutório. (Carga horária: 24h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2003 - 2004
Orientação de Pesquisa em Portugal.
Universidade de Lisboa, UL, Portugal.
1995 - 1995
Organização de Arquivos e Preservação da Memória. (Carga horária: 100h).
Fundação de Arte de Ouro Preto, FAOP*, Brasil.
1992 - 1992
Treinamento Funcional Intensivo.
Secretaria de Estado de Recursos Humanos e Administração, SERHA, Brasil.
1992 - 1992
Reciclagem em Geografia e História - 5 a 8 séries. (Carga horária: 40h).
Fundação AMAE para Educação e Cultura, AMAE, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado II, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2015 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Secretaria de Cultura e Patrimônio de Ouro Preto, .

Cargo ou função
Membro do Fundo de Preservação do Patrimônio Histórico e Cultural de Ouro Preto.
03/2008 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Turismo, .

Linhas de pesquisa
Turismo, Cultura e Sociedade
03/2008 - Atual
Ensino, Turismo, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Folclore
Cultura e Arte Barroca
Educação Patrimonial
História e Cultura
Projeto de Pesquisa
Tópicos Especiais em Turismo: Festas e Cultura Popular
Turismo e Cultura
10/2015 - 10/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da UFOP, .

Cargo ou função
Membro do Comitê de Ciências Sociais Aplicadas.
10/2016 - 04/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola de Direito, Turismo e Museologia, .

Cargo ou função
Membro do Núcleo Docente Estruturante do Curso de Turismo.
10/2015 - 04/2017
Direção e administração, Escola de Direito, Turismo e Museologia, .

Cargo ou função
Coordenador do Curso de Turismo.
10/2015 - 04/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Curso de Turismo.
10/2015 - 04/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Colegiado de Turismo, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Curso de Turismo da UFOP.
04/2013 - 07/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Coordenadora do Grupo Emergente de Turismo e Gestão do Patrimônio.
05/2015 - 10/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Presidente da Comissão de Estágio Probatório de Ricardo Fonseca Filho.
12/2012 - 12/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Professor Equivalente da UFOP.
09/2012 - 12/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Membro do Conselho do Museu da Escola de Farmácia da UFOP.
04/2012 - 12/2013
Extensão universitária , Departamento de Turismo, .

Atividade de extensão realizada
Cultura, História e Memória: Educação Patrimonial em Cachoeira do Campo.
07/2013 - 07/2013
Ensino, Cultura e Arte Barroca, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Sociedade Mineira Colonial
08/2008 - 07/2013
Pesquisa e desenvolvimento , Pós Graduação em História, .

Linhas de pesquisa
Poder, Espaço e Cultura
03/2012 - 12/2012
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Turismo, Departamento de Turismo.

Atividade realizada
Projeto Pró Ativa: ?PRATAS DA CASA? e Monitoramento de Egressos.
02/2010 - 12/2012
Ensino, Administração Pública, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Estudos Sobre o Poder Local e Municipalidade no Brasil
07/2012 - 08/2012
Direção e administração, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
03/2011 - 12/2011
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Turismo, Departamento de Turismo.

Atividade realizada
Projeto Pró Ativa: Organização, Digitalização de Monografias e Auxílio a Eventos Científicos.
05/2010 - 08/2011
Direção e administração, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
08/2009 - 07/2011
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho Municipal de Patrimônio Cultural/Ouro Preto, .

Cargo ou função
Vice Presidente do Conselho Municipal de Patrimônio Cultural de Ouro Preto.
03/2009 - 02/2011
Extensão universitária , Departamento de Turismo, .

Atividade de extensão realizada
Coordenador do Projeto de Extensão: Apoio ao Centro Cultural de Cachoeira do Campo.
04/2008 - 12/2010
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Monitoria.
09/2010 - 09/2010
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Turismo, Departamento de Turismo.

Atividade realizada
Coordenadora da Sala Interativa do Curso de Turismo na 5a. Mostra de Profissões da UFOP.
08/2008 - 07/2010
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Vice Presidente do Conselho Municipal de Patrimônio de Ouro Preto.
04/2008 - 07/2010
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Turismo, .

Cargo ou função
Coordenador do Núcleo de Pesquisa: Oficina do Turismo: Núcleo de Pesquisa e Extensão.
08/2008 - 12/2008
Ensino, História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Poderes do Antigo Regime português e lógica colonial na América: Estado e agência eclesiástica nas Minas Gerais

Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2008
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

07/2006 - 03/2008
Serviços técnicos especializados , Departamento de Artes e Humanidades, .

Serviço realizado
Membro do Conselho Consultivo da ANPUH-MG.
03/2006 - 03/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro da comissão para avaliação das atividades científico-culturais da grade curricular de História.
06/2005 - 03/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Pesquisa.
04/2005 - 03/2008
Direção e administração, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Coordenadora do Arquivo Histórico e Central da UFV.
09/2004 - 03/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro da Comissão Coordenadora do Curso de História.
4/2004 - 03/2008
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História Moderna I
História Moderna II
Hstória Contemporânea I
Prática de Ensino e Pesquisa em História
Prática de Pesquisa em História
Temas em História de Minas Gerais
04/2004 - 03/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro de comissão permanente para reestruturação dos programas de disciplinas do curso de História.
04/2004 - 03/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Departamento de Artes e Humanidades.
04/2004 - 03/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
coordenador das disciplinas: História Moderna I e II, Prática de Pesquisa em História, Prática de Ensino e Pesquisa em História, Temas em História de Minas Gerais, História Contemporânea I.
02/2006 - 09/2006
Extensão universitária , Departamento de Artes e Humanidades, .

Atividade de extensão realizada
organização do I Ciclo de Palestras de História.
07/2004 - 11/2005
Treinamentos ministrados , Pro-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, .

Treinamentos ministrados
Doutoramento na UFMG
11/2004 - 08/2005
Direção e administração, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
11/2004 - 08/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro do Conselho Técnico de Graduação.
11/2004 - 08/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Licenciatura da UFV.
11/2004 - 08/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Artes e Humanidades, .

Cargo ou função
Membro da Câmara de Ensino do Centro de Ciências Humanas.
04/2005 - 05/2005
Serviços técnicos especializados , Departamento de Artes e Humanidades, .

Serviço realizado
Membro da Comissão Técnica para elaboração e correção das provas do processo de seleção de Vagas Remanescentes ? 2005/I..
05/2004 - 12/2004
Serviços técnicos especializados , Departamento de Artes e Humanidades, .

Serviço realizado
Membro da Comissão técnica para elaboração das provas do Processo Seletivo 2005 - Pases Segunda Etapa.
10/2004 - 10/2004
Extensão universitária , Departamento de Artes e Humanidades, .

Atividade de extensão realizada
Mini-Curso: Estamos Apresentando: A telenovela e o Regime militar no Brasil.
08/2004 - 10/2004
Serviços técnicos especializados , Departamento de Artes e Humanidades, .

Serviço realizado
Participação no preenchimento de formulários e mudanças na grade curricular para o processo de reconhecimento do curso de História.
07/2004 - 10/2004
Serviços técnicos especializados , Departamento de Artes e Humanidades, .

Serviço realizado
Participação na elaboração da grade curricular do curso de História.

Universidade Vale do Rio Doce, UNIVALE, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2004
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 24

Atividades

02/2003 - 04/2004
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Ciências, Educação e Letras, .

02/2002 - 04/2004
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Prática de Ensino em História IV
Prática de Ensino em História III
História da América IV
História da América III
História da América II
História da América I
02/2002 - 12/2003
Ensino, Turismo, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História e Cultura Universal
História do Brasil

Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de União da Vitória, FAFI-UV, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 2001
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/1998 - 02/2001
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Métodos e Técnicas de Pesquisa em História
História Moderna
História Contemporânea
História da América
História do Brasil
Introdução ao Estudo de História
10/2000 - 10/2000
Serviços técnicos especializados , Departamento de História, .

Serviço realizado
Elaboração de questões de História para a prova do vestibular.
10/1999 - 10/1999
Serviços técnicos especializados , Departamento de História, .

Serviço realizado
Elaboração de questões de História para a prova do vestibular.
08/1999 - 09/1999
Ensino, Especialização em História Social, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Igreja, Estado e Sociedade no Brasil Colonial
10/1998 - 10/1998
Serviços técnicos especializados , Departamento de História, .

Serviço realizado
Elaboração de questões de História para a prova do vestibular.

Escola Estadual Intendente Câmara, EEIC, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 1998
Vínculo: Professor contratado, Enquadramento Funcional: Professor de 1 e 2 graus, Carga horária: 24

Atividades

02/1998 - 07/1998
Ensino,

Disciplinas ministradas
História

Escola Estadual Irmã Labouret, EEIL, Brasil.
Vínculo institucional

1994 - 1996
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Auxiliar de Secretaria, Carga horária: 40

Atividades

04/1994 - 02/1996
Direção e administração, .

Cargo ou função
Auxiliar de Secretaria.

Escola Estadual Padre Afonso de Lemos, EEPAL, Brasil.
Vínculo institucional

1987 - 1994
Vínculo: Professor contratado, Enquadramento Funcional: Professor de 1 e 2 graus, Carga horária: 24

Atividades

05/1987 - 03/1994
Ensino,

Disciplinas ministradas
Redação e Expressão
História


Linhas de pesquisa


1.
Cultura, Sociedade e Território
2.
Turismo, Cultura e Sociedade
3.
Poder, Espaço e Cultura


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
?Feijão, Angu e Couve? e muito mais: A comida mineira como Patrimônio Cultural e atrativo turístico
Descrição: Este projeto pretende contribuir para um melhor conhecimento do processo de construção da memória coletiva sobre a hospitalidade e a comida mineira e, para tal, estudará os relatos dos viajantes que estiveram nas Minas no século XIX, bem como os principais estudiosos que patrocinaram a escolha das cidades mineiras como símbolos da identidade nacional nas primeiras décadas do século XX, avaliando se já destacaram a comida mineira como um desses símbolos. Após esta análise, avaliará as propagandas veiculadas em jornais ouropretanos do final do século XIX e no século XX, para transformar a hospitalidade mineira ? traduzida como o modo de bem receber e a gastronomia ?, em um dos principais atrativos para o Turismo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
A construção de roteiros turisticos do Programa Estrada Real na região de Ouro Preto e Mariana- MG
Descrição: Este projeto pretende contribuir para um melhor conhecimento do processo de construção do ?Programa Estrada Real? pelo governo de Minas Gerais e a sua transformação no grande atrativo e investimento turístico dos últimos tempos. Tem como principal objetivo avaliar se as políticas públicas de criação dos roteiros no município de Ouro Preto e Mariana e os planos de marketing privilegiaram a demanda do turista e a sua percepção de cultura e também averiguar, por meio das ações desenvolvidas, como foi realizado o diálogo com os moradores da cidade e distritos. Neste ponto, procurará compreender se foi considerado o sentimento de pertencimento da população local e se esta participou em algum momento do processo do planejamento e da gestão dos roteiros..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Ariana Oliveira Gonçalves - Integrante / Lívia Barbosa Nogueira Borges - Integrante.
2012 - 2013
Turismo, Patrimônio e História: um estudo do perfil do visitante dos distritos de Ouro Preto
Descrição: O presente projeto tem como objetivo analisar o perfil dos visitantes de quatro distritos de Ouro Preto: Cachoeira do Campo, Amarantina, Glaura e Santo Antônio do Leite. Primeiramente será realizado um inventário dos meios de hospedagem destas localidades, bem como de seu patrimônio cultural para, num segundo momento, traçar o perfil dos visitantes destes instrumentos turísticos. Podemos estudar temas que são caros ao Turismo, tais como os meios de hospedagem, receptivo e a hospitalidade na região, além de perceber as práticas culturais e o patrimônio que ainda são preservados. Estas localidades surgiram no início da corrida do ouro, juntamente com os primeiros arraiais de Minas Gerais, ainda preservam um conjunto histórico considerável e fazem parte do circuito Estrada Real, tendo, assim, um grande potencial turístico.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2012 - 2013
O Circuito do Ouro como instrumento turístico para a formação de uma identidade cultural
Descrição: Na atualidade onde se vive a globalização, as identidades deixam de ser exclusivas correndo riscos de perderem sua originalidade. O papel do turismo é fundamental nesse cenário, onde participa de forma distinta, ora incentivando com seus programas de preservação ao patrimônio, ora explorando, reproduzindo culturas por conveniência. O uso da prática nacionalista pelo turismo através da valorização, preservação e identificação da cultura é a forma com que se pode pensar um planejamento de uma atividade tão passível de uma era mercadológica. A cultura mineira na perspectiva das cidades integradas no Circuito do Ouro, é uma das expressões exatas sobre a relação entre turismo e nacionalidade, e é através dela que tentaremos responder se o turismo é capaz de propagar a construção de uma identidade cultiral sem nos remeter ao antagonismo, e entender sua participação para que se fixe na população a significância da atividade não somente como um meio econômico, mas como um meio de proteção e respeito as culturas. Com isso contextualizamos a partir da região ferrífera, onde a busca de ouro e pedras preciosas fez expandir a cultura mineira e posicionar Minas Gerais como Estado de suma importância para o desenvolvimento do Brasil, através de sua história e cultura, como um mosaico étnico cultural. Ao entendermos a dinâmica cultural do Circuito do Ouro poderemos discutir sobre as políticas de descentralização do turismo que visam à integração social e a ação de semear um sentimento de pertencimento a esse legado cultural, e o quão é importante a conscientização, principalmente dos autóctones para a manutenção de sua própria identidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Giselle dos Santos de Carvalho - Integrante.
2012 - 2013
Cultura, História e Turismo na Estrada Real: continuidades e descontinuidades na trilha dos viajantes do século XIX
Descrição: O presente projeto tem como objetivo estudar os relatos das viagens realizadas por cientistas e naturalistas estrangeiros no século XIX que estiveram nos atuais distritos de Cachoeira do Campo, Casa Branca (atual Glaura) e São Bartolomeu ?, pertencentes ao município de Ouro Preto ?, localizando a existência de estalagens e/ou hospedarias na região no século XIX, além de analisar a visão destes homens sobre a alimentação, as práticas culturais e a hospitalidade. A partir da visão destes viajantes, podemos estudar temas que são caros ao Turismo, tais como os meios de hospedagem, receptivo e a hospitalidade na região, além de perceber as práticas que ainda são preservadas, analisando as permanências culturais e possibilidades de, por meio delas, pensar uma atividade turística sustentável..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Elida Lúcia Bowen Tonelli - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
2010 - 2012
As Freguesias do Campo: um estudo da formação social da freguesia de Santo Antônio da Casa Branca no século XVIII
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Paulo Cezar Miranda Nacif - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
2009 - 2012
As Freguesias do Campo: um estudo da formação social da freguesia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no século XVIII
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Marcelle D. C. Braga - Integrante / Ada Gomes Ribeiro - Integrante / Mariana Aparecida Toledo de Lima - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2009 - 2010
As Freguesias do Campo: um estudo da formação social da freguesia de São Bartolomeu no século XVIII
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Anne Karollyne Ferreira - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
2009 - 2010
Preservação da Memória Histórica: Pesquisa e Inventário do Conjunto Patrimonial de Cachoeira do Campo
Descrição: O presente projeto tem como objetivo realizar uma pesquisa histórica sobre Cachoeira do Campo, distrito de Ouro Preto para auxiliar na elaboração dos inventários e dossiê visando o tombamento municipal do conjunto patrimonial do distrito. Este trabalho está sendo realizado pela Associação Cultural Amigos de Cachoeira do Campo, em parceria com a equipe da Secretaria Municipal de Patrimônio e Desenvolvimento Urbano. Esta localidade é um dos distritos mais antigos de Ouro Preto, ainda preserva um conjunto histórico considerável e faz parte do circuito Estrada Real, tendo, assim, um grande potencial turístico.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Solange Pilar do Carmo - Integrante.Financiador(es): PIP PROPP UFOP - Bolsa.
2009 - 2010
Ação Educativa do IPHAN/ UFOP/FAOP: Educação Patrimonial no projeto ?Sentidos Urbanos, Patrimônio e Cidadania
Descrição: O projeto tem como objetivo demonstrar a importância de uma ação educativa proposta no projeto de sensibilização e o papel relevante das instituições proponentes - Iphan, FAOP E UFOP - além de atentar para Educação Patrimonial como viabilização da preservação, através de um estudo de caso do projeto. Dessa forma o projeto busca fazer uma análise do método Ação Educativa e a forma de implantação no Projeto ?Sentidos Urbanos: Patrimônio e Cidadania?, além de traçar a trajetória do Iphan e suas ações para Ouro Preto, bem como da FAOP e UFOP. Procura também abordar o tema Educação Patrimonial e sua importância para a Cidade de Ouro Preto e elaborar um estudo de caso e fazer a relação com a ação de Educação Patrimonial..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Natália Rodrigues de Melo - Integrante.Financiador(es): PIVIC PROPP UFOP - Outra.
2008 - 2012
As Paróquias Rurais do Termo de Vila Rica: um estudo da formação social das primeiras freguesias do século XVIII
Descrição: O presente projeto tem como objetivo estudar a formação das primeiras freguesias (atuais distritos) de Vila Rica (Ouro Preto) no século XVIII. Estas antigas localidades atualmente fazem parte do ?Circuito Estrada Real? que vem tendo destaque pelo grande potencial turístico, mas pouco se sabe sobre sua história. Desta forma, estudamos o perfil social dos moradores de três freguesias consideradas essenciais para o abastecimento de Vila Rica: Nossa Senhora de Nazaré de Cachoeira do Campo, São Bartolomeu e Santo Antônio da Casa Branca (Glaura). Para alcançar tais objetivos, elaboramos um banco de dados com a documentação pesquisada ? registros paroquiais de óbitos, casamentos e batismos ? que se encontra no Arquivo Eclesiástico da Arquidiocese de Mariana (AEAM). Esses documentos contribuíram para um maior conhecimento desses espaços, uma vez que permitem uma análise serial das fontes. Elaboramos um banco de dados dos registros paroquiais e o objetivo inicial é a sua disponibilização principalmente para a comunidade local, para associações culturais locais e para outras instituições de ensino superior. Este projeto aprovado no edital de Ciências Humanas e Sociais do CNPq (50/2006), no Programa Pesquisador Mineiro da FAPEMIG (2009) com bolsa de Apoio Técnico do CNPq.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Especialização: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.Número de orientações: 8
2008 - 2009
Turismo Solidário e Hospitalidade: Estudo de viabilidade da implantação do modelo de gestão do distrito de Capivari (Serro/MG) no Morro da Queimada (Ouro Preto/MG)
Descrição: O presente estudo tem como objetivo discutir as relações que a hospitalidade possa ter com o turismo comunitário e identificar as características principais para a implantação e sucesso do turismo comunitário em Capivari (MG), para então analisar a viabilidade da implantação do mesmo no Morro da Queimada em Ouro Preto (MG).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Laura Miranda Borba - Integrante.Financiador(es): PIP PROPP UFOP - Bolsa.
2007 - 2008
Câmara Municipal de Mariana: Três Séculos de História
Descrição: O projeto visa fazer um levantamento prosopográfico dos membros da primeira câmara de Minas Gerais, desde o ano de 1711, além de transcrever documentos como atas, códigos de postura, eleições, bens. Ao final do trabalho será editado um livro sobre a história da Câmara Municipal de Mariana.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Cláudia Maria das Graças Chaves - Integrante / Sônia Maria de Magalhães - Integrante.Financiador(es): Câmara Municipal de Mariana - Bolsa.
2006 - 2008
Arquivo Histórico da UFV: Pesquisa e Memória
Descrição: O projeto visa identificar e catalogar o acervo histórico da Escola Superior de Agricultura e Veterinária, sob a guarda do Arquivo Histórico da UFV..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Cláudia Maria das Graças Chaves - Integrante.Financiador(es): Secretaria Estadual de Cultura de Minas Gerais - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
2005 - 2006
"Das Trevas do Gentilismo às Luzes do Evangelho": entrantes e indígenas nos sertões do Rio Pomba
Descrição: O projeto visa estudar o processo de ocupação da freguesia do Mártir São Manuel dos Sertões do Rio Pomba e Peixe dos Índios Cropós e Coroados, no final do século XVIII..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Adriano Toledo Paiva - Integrante.
2004 - 2005
Juízes de Vintena e o poder local na comarca de Vila Rica (1736-1808)
Descrição: projeto de doutorado (treinamento).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2004
Rio Doce: Utopia da Riqueza. Estudo da formação das cidades (1940-1970)
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador.Financiador(es): Universidade Vale do Rio Doce - Bolsa.
1999 - 2001
A Justiça na Capitania de Minas Gerais no século XVIII: os delitos de foro misto
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2016 - 2016
Educação Patrimonial em Mariana (MG): registro e oficinas das Festividades da Semana Santa da Catedral Basílica de Nossa Senhora da Assunção
Descrição: O projeto teve como objetivo principal refletir, juntamente com a comunidade e alunos, sobre a importância de se reconhecerem como pertencentes à cultura local e compreenderem que o patrimônio histórico, cultural e social devem ser preservados.O principal objetivo desse projeto de extensão foi compreender e intervir na relação de pertencimento dos fiéis devotos e dos moradores de Mariana com o patrimônio imaterial e material das procissões da Semana Santa..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Maria do Carmo Pires - Coordenador / Leandro de Jesus Leite dos Santos - Integrante / Patrick Matheus Rodrigues - Integrante / Lia Sipaúba Proença Brusadin - Integrante.
2012 - 2012
Cultura, História e Memória: Educação Patrimonial em Cachoeira do Campo
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2009 - 2010
Apoio ao Centro Cultural de Cachoeira do Campo
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Revisor de periódico


2013 - Atual
Periódico: Revista Acadêmica Observatório de Inovação em Turismo
2014 - Atual
Periódico: Revista Cenário


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Colônia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Moderna e Contemporânea.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História de Minas Gerais.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História e Cultura.
5.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Turismo.


Idiomas


Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2013
Menção Honrosa entre os Trabalhos da Área de Ciências Sociais e Aplicadas no Encontro Saberes, Universidade Federal de Ouro Preto.
2009
Auxílio à Pesquisa - Programa Pesquisador Mineiro, FAPEMIG.
2007
Auxílio à publicação, FAPEMIG.
2007
Auxílio à pesquisa nas áreas de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, CNPq.
2006
Projeto aprovado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura: "O Arquivo Histórico da UFV: Pesquisa e Memória", Secretaria Estadual de Cultura.
2003
Auxílio à pesquisa em Portugal, Cátedra Jaime Cortesão-USP.
2001
Bolsa de Doutorado, FAPEMIG.
1996
Bolsa de Mestrado, FAPESP.
1995
Bolsa de Mestrado, FAPESP.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
PIRES, Maria Do Carmo2017PIRES, Maria Do Carmo. A 'Estrada Real' e a história do processo de construção de roteiros turísticos no estado de Minas Gerais, Brasil. TURyDES - Revista de Investigación en Turismo y desarrollo local, v. 23, p. 1, 2017.

2.
PIRES, MARIA DO CARMO2017 PIRES, MARIA DO CARMO. From Scientists Trips in 19th Century to the Modernists: Mineiridade and Awakening of Tourist Interest in Historical Cities of Minas Gerais, Brazil. ROSA DOS VENTOS, v. 9, p. 405-416, 2017.

3.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO2010PIRES, Maria Do Carmo; PAIVA, A. T. . Uma Elegante e Moderna Perspectiva : A pintura do teto da capela mor de Nossa Senhora do Rosário de Mariana.. Cadernos de Pesquisa do CDHIS (Online), v. 1, p. 1-20, 2010.

4.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO2008PIRES, Maria Do Carmo; MAGALHAES, S. M. . Patriazinha: a formação da identidade mineira ISSN 1645-6947. Area Domeniu, v. 3, p. 187-203, 2008.

5.
PAIVA, A. T.2007PAIVA, A. T. ; PIRES, Maria Do Carmo . ?Os rigores disciplinares na formação de um leader?: a educação masculina na escola superior de agricultura e veterinária ISSN 1516-9286. Caderno Espaço Feminino (UFU), v. 18, p. 103-122, 2007.

6.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO2006PIRES, Maria Do Carmo. O Provimento da Ordem (ISSN 0104-8368). Revista do Arquivo Publico Mineiro, v. XLII, p. 67-79, 2006.

7.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO2005PIRES, Maria Do Carmo. A Justiça nas Freguesias da Comarca de Vila Rica no século XVIII: normatização e costumes. Revista Eletrônica de História do Brasil, Juiz de Fora, v. 7, n.2, p. 6-19, 2005.

8.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO2000PIRES, Maria Do Carmo. O poder judiciário da Igreja: o Juízo Eclesiástico do Bispado de Mariana no século XVIII.. Revista do Instituto Histórico e Geographico Brazileiro, Rio de Janeiro, v. 161, n.408, p. 545-555, 2000.

9.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO2000PIRES, Maria Do Carmo. Glossário Jurídico: A Justiça Eclesiástica no Brasil setecentista.. Estudos de História, Franca, v. 7, n.1, p. 215-223, 2000.

10.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO1997PIRES, Maria Do Carmo. De Juiz a Infrator: notas sobre o Juízo Eclesiástico do Bispado de Mariana (século XVIII). LPH (UFOP), Ouro Preto, v. 1, n.7, p. 260-269, 1997.

11.
PIRES, Maria Do Carmo;PIRES, MARIA DO CARMO1996PIRES, Maria Do Carmo. Calundu e Práticas Mágicas: feiticeiros em Minas Gerais no século XVIII.. Estudos de História, Franca, v. 3, n.2, p. 95-105, 1996.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
PIRES, Maria Do Carmo; MAGALHAES, S. M. (Org.) . A Cozinha Brasileira e o Patrimônio Cultural: história, hospitalidade e turismo. 1. ed. Curitiba: Prismas, 2018. v. 1. 307p .

2.
PIRES, Maria Do Carmo; Andrade, F. E. (Org.) ; Bohrer, A. F. (Org.) . Poderes e Lugares de Minas Gerais: Um quadro urbano no interior brasileiro - séculos XVIII - XX (9788536629155). 1. ed. São Paulo: Scortecci, 2013. v. 1. 252p .

3.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G. (Org.) ; MAGALHAES, S. M. (Org.) . Casa de Vereança de Mariana: 300 anos de História da Câmara Municipal (ISBN 9788598601267). 2. ed. Ouro Preto: EDUFOP, 2012. v. 1. 250p .

4.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B. (Org.) ; Costa, E.B. (Org.) . Valor Patrimonial e Turismo: limiar entre história, território e poder (ISBN 788564421189). 1. ed. São Paujo: Outras Expressões, 2012. v. 1. 264p .

5.
PIRES, Maria Do Carmo. Poder Local e Municipalidade no Brasil. 1. ed. Ouro Preto: UFOP, 2009. v. 1. 75p .

6.
PIRES, Maria Do Carmo. Juízes e Infratores: o Tribunal Eclesiástico do Bispado de Mariana (1748-1800) ISBN 9788574197. 1. ed. São Paulo: Annablume/Fapemig, 2008. v. 1. 134p .

7.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G. (Org.) ; MAGALHAES, S. M. (Org.) . Casa de Vereança de Mariana: 300 anos de História da Câmara Municipal ISBN9788598601267. 1. ed. Ouro Preto: UFOP, 2008. v. 1. 268p .

Capítulos de livros publicados
1.
MAGALHAES, S. M. ; PIRES, Maria Do Carmo . A mineiridade e o mito da fartura de alimentos. In: PIRES, Maria do Carmo; MAGALHÃES, Sônia Maria de.. (Org.). A Cozinha Brasileira e o Patrimônio Cultural: história, hospitalidade e turismo. 1ed.Curitiba: Prismas, 2018, v. 1, p. 93-116.

2.
PIRES, Maria Do Carmo; Bohrer, A. F. . História e Memória: reflexões acerca da construção da narrativa histórica na comemoração da Semana da Inconfidência em Cachoeira do Campo/Ouro Preto (MG). In: BURKOWSKI, Rodrigo; COSTA, Everaldo B.. (Org.). Perspectivas Ativas no Turismo: entre a teoria e a prática. 1ed.Ouro Preto: Editora da UFOP, 2018, v. 1, p. 203-218.

3.
PIRES, Maria Do Carmo. Os oficiais vintenários e os homens bons: traço social e estratégias de poder. In: Adriano Toledo Paiva; Pablo Menezes e Oliveira. (Org.). As Minas e o Império: dinâmicas locais e projetos coloniais portugueses (9788580541007). 1ed.Belo Horizonte: Fino Traço, 2013, v. 1, p. 187-204.

4.
PIRES, Maria Do Carmo. Os Registros Paroquiais das Freguesias do Termo de Vila Rica: um estudo das paróquias de Nossa Senhora de Nazaré de Cachoeira do Campo, Santo Antônio da Casa Branca e São Bartolomeu. In: Maria do Carmo Pires;Francisco Eduardo de Andrade;Alex Fernandes Bohrer. (Org.). Poderes e Lugares de Minas Gerais: Um quadro urbano no interior brasileiro - séculos XVIII - XX (ISBN 9788536629155). 1ed.São Paulo/Ouro Preto: Scortecci/EDUFOP, 2013, v. 1, p. 217-232.

5.
PIRES, Maria Do Carmo. As Câmaras Municipais e as Freguesias: o poder vintenário. In: Renato Pinto Venâncio;Andréa Lisly Gonçalves;Cláudia Maria das Graças. (Org.). Administrando impérios: Portugal e Brasil nos séculos XVIII e XIX (ISBN 9788580540352). 1ed.Belo Horizonte: Fino Traço, 2012, v. 1, p. 269-290.

6.
PIRES, Maria Do Carmo. Apresentação. In: PIRES, Maria do Carmo; BRUSADIN, Leandro B.; COSTA, Everaldo B.. (Org.). Valor Patrimonial e Turismo: limiar entre história, território e poder (ISBN 788564421189). 1ed.São Paulo: Outras Expressões, 2012, v. 1, p. 17-19.

7.
PIRES, Maria Do Carmo; MAGALHAES, S. M. . Pequeno histórico político-social da câmara Municipal de Mariana. In: Leonardo Barci Castriota. (Org.). Casa de Câmara e Cadeia de Mariana: a recuperação de um patrimônio nacional (ISBN 9788562372). 1ed.Belo Horizonte: IEDS, 2012, v. 1, p. 29-47.

8.
PIRES, Maria Do Carmo. Câmara Municipal de Mariana no século XVIII: Formação, cargos e funções. In: Maria do Carmo Pires;Cláudia Maria das Graças Chaves;Sônia Maria de Magalhães. (Org.). Casa de Vereança de Mariana: 300 anos de História da Câmara Municipal (ISBN 9788598601267). 2ed.Ouro Preto: EDUFOP, 2012, v. 1, p. 45-62.

9.
PIRES, Maria Do Carmo. O Termo de Vila de Nossa Senhora do Carmo/Mariana e suas freguesias no século XVIII. In: Maria do Carmo Pires;Cláudia Maria das Graças Chaves;Sônia Maria de Magalhães. (Org.). Casa de Vereança de Mariana: 300 anos de História da Câmara Municipal (ISBN 9788598601267). 2ed.Ouro Preto: EDUFOP, 2012, v. 1, p. 24-44.

10.
PIRES, Maria Do Carmo; SOUZA, D. C . Audiências Gerais de Correições da Câmara de Mariana: imagens de bons serviços prestados a Coroa. In: Helena Molo; Marco Antonio Silveira. (Org.). Termo de Mariana: História e Documentação. 1ed.Ouro Preto: EDUFOP, 2011, v. 3, p. 209-216.

11.
PIRES, Maria Do Carmo; MAGALHAES, S. M. . Câmara Municipal: um pequeno histórico. In: CHAVES, Cláudia M. G.; PIRES, Maria do Carmo; MAGALHÃES, Sônia M.. (Org.). Casa de Vereança de Mariana: 300 anos de História da Câmara Municipal. 1ed.Ouro Preto: UFOP, 2008, v. 1, p. 11-23.

12.
PIRES, Maria Do Carmo. O Termo de Vila de Nossa Senhora do Carmo/Mariana e suas freguesias no século XVIII. In: CHAVES, Cláudia M. G.; PIRES, Maria do Carmo; MAGALHÃES, Sônia M.. (Org.). Casa de Vereança de Mariana: 300 anos de História da Câmara Municipal. 1ed.Ouro Preto: UFOP, 2008, v. 1, p. 24-44.

13.
PIRES, Maria Do Carmo. Câmara Municipal de Mariana no século XVIII: Formação, cargos e funções. In: CHAVES, Cláudia M. G.; PIRES, Maria do Carmo; MAGALHÃES, Sônia M.. (Org.). Casa de Vereança de Mariana: 300 anos de História da Câmara Municipal. 1ed.: , 2008, v. 1, p. 45-62.

14.
PIRES, Maria Do Carmo. Administração e justiça nas freguesias da comarca de Vila Rica: os oficiais vintenários.. In: PAIVA, Eduardo França. (Org.). Brasil-Portugal: sociedades, culturas e formas de governar no mundo português, séculos XVI-XVIII. ISBN 85-7419-6. 1ed.São Paulo: Annablume, 2006, v. 1, p. 61-75.

15.
PIRES, Maria Do Carmo. As Visitas Diocesanas, a Vigararia da Vara e o Juízo Eclesiástico do Bispado de Mariana no século XVIII.. In: Gonçalves, Andréa Lisly; Oliveira, Ronald Polito. (Org.). Termo de Mariana: história e documentação. 1ed.Ouro Preto: EDUFOP, 2004, v. 2, p. 69-77.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
PIRES, Maria Do Carmo. O brasileiro não tem memória: o problema permanente da preservação da memória histórica.. A Cidade, União da Vitória, p. 3 - 3, 30 set. 1999.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PIRES, Maria Do Carmo; Braga, Marcelle D.C. . Legitimidade e formação social na freguesia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no século XVIII. In: III SIMPÓSIO IMPÉRIOS E LUGARES NO BRASIL, 2010, Mariana. ANAIS DO III SIMPÓSIO IMPÉRIOS E LUGARES NO BRASIL, 2010.

2.
PIRES, Maria Do Carmo. A formação de uma oligarquia dirigente: os oficiais vintenários da comarca de Vila Rica nos séculos XVIII e XIX. In: XV Encontro Regional de História, 2006, São João del Rei. Caderno de Resumos e Programação do XV Encontro Regional de História - ANPUH-MG.

3.
PIRES, Maria Do Carmo. O poder local na comarca de Vila Rica no século XVIII: os juízes vintenários.. In: XIV Encontro Regional de História Caminhos da História: Desafios da historiografia em Minas Gerais., 2004, Juiz de Fora. Caminhos da História: desafios da historiografia em Minas Gerais: anais eletrônicos (CD-ROM). Juiz de Fora, 2004.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PIRES, Maria Do Carmo; GONCALVES, A. O. . Patrimônio, Memória e História: o Conselho Municipal de Patrimônio e os distritos de Ouro Preto(MG). In: XXI Seminário de Iniciação Científica da UFOP, 2013, Ouro Preto. Anais do XXI Seminário de Iniciação Científica da UFOP, 2013. v. 1.

2.
PIRES, Maria Do Carmo; GISSONI, R. . Turismo, Patrimônio e História: Um estudo do perfil dos visitantes dos distritos de Ouro Preto. In: XXI Seminário de Iniciação Científica da UFOP, 2013, Ouro Preto. XXI Seminário de Iniciação Científica, 2013. v. 1.

3.
PIRES, Maria Do Carmo; Tonelli, Elida L. B. . Cultura, História e Turismo na Estrada Real: continuidades e descontinuidades na trilha dos viajantes do século XIX. In: XX Seminário de Iniciação Científica, 2012, Ouro Preto. XX Seminário de Iniciação Científica, 2012. v. 1.

4.
PIRES, Maria Do Carmo; CARVALHO, G. S. . O Circuito do Ouro como instrumento turístico para a formação de uma identidade cultural. In: XX Seminário de Iniciação Científica da UFOP, 2012, Ouro Preto. XX Seminário de Iniciação Científica, 2012. v. 1.

5.
PIRES, Maria Do Carmo; LIMA, Mariana A. T. . As Freguesias do Campo: um estudo da formação social da freguesia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no século XVIII. In: XX Seminário de Iniciação Científica da UFOP, 2012, Ouro Preto. XX Seminário de Iniciação Científica, 2012. v. 1.

6.
PIRES, Maria Do Carmo. Laços de Compadrio e Poder Local em Vila Rica: um estudo da formação Social das primeiras freguesias na primeira metade do século XVIII. In: Pequena Nobreza nos Impérios Ibéricos de Antigo Regime, 2011, Lisboa. PequenaCongresso Internacional Pequena Nobreza nos Impérios Ibéricos de Antigo Regime: Programa e Resumos. Lisboa: Centro Científico e Cultural de Macau, 2011. p. 74-75.

7.
PIRES, Maria Do Carmo; ALMEIDA, L. N. . As Paróquias Rurais do Termo de Vila Rica: um estudo da formação social das primeiras freguesias do século XVIII. In: XIX SEIC da UFOP, 2011, Ouro Preto. Anais do XIX SEIC. Ouro Preto, 2011. v. 1. p. s.p..

8.
PIRES, Maria Do Carmo; Melo,.N. R. . AÇÃO EDUCATIVA DO IPHAN / FAOP / UFOP: EDUCAÇÃO PATRIMONIAL NO PROJETO SENTIDOS URBANOS: PATRIMÔNIO E CIDADANIA. In: XVIII Seminário de Iniciação Científica, 2010, Ouro Preto. XVIII Seminário de Iniciação Científica, 2010. v. 1.

9.
PIRES, Maria Do Carmo; CARMO, Solange P. . Preservando a Memória Histórica: Pesquisa e Inventário do Conjunto Patrimonial de Cachoeira do Campo. In: XVIII Seminário de Extensão e Iniciação Científica da UFOP, 2010, Ouro Preto. Anais do XVIII SEIC. Ouro Preto, 2010. v. 1. p. s.p..

10.
PIRES, Maria Do Carmo. As Freguesias do Campo: a freguesia de Nossa Senhora de Nazaré e de Nossa Senhora da Boa Viagem de Itabira do Campo no século XVIII. In: II Encontro Memorial do ICHS, 2009, Mariana. Caderno de Resumos do II Encontro Memorial do ICHS. Ouro Preto, 2009. v. 1. p. 56-56.

11.
PIRES, Maria Do Carmo. As freguesias do campo: um estudo das primeiras paróquias rurais do termo de Vila Rica no século XVIII. In: XVI ENCONTRO REGIONAL DE HISTÓRIA, 2008, Belo Horizonte. Anais do XVI ENCONTRO REGIONAL DE HISTÓRIA. Belo Horizonte: UFMG, 2008. v. 4. p. 93-93.

12.
PIRES, Maria Do Carmo; PAIVA, A. T. . Destribalizar, Aldear e Civilizar: A colonização dos Sertões do Rio da Pomba. In: XV Simpósio de Iniciação Científica, V Mostra Científica de Pós-Graduação e III Simpósio de Extensão Universitária, 2006, Viçosa. XV Simpósio de Iniciação Científica, V Mostra Científica de Pós-Graduação e III Simpósio de Extensão Universitária. Viçosa: PPG/ PEC/UFV, 2006.

13.
PIRES, Maria Do Carmo. A Expansão das fronteiras da comarca de Vila Rica e os novos oficiais dos sertões. In: I Seminário de História do ICHS, 2006, Mariana. Caderno de Resumos do I Seminário de História do ICHS. Mariana, 2006. v. 1. p. 21-22.

14.
PIRES, Maria Do Carmo; BARBOSA, D. H. D. . 'Estamos Apresentando': as relações entre a telenovela brasileira e o Regime Militares'. In: II Semana Acadêmica do Curso de História: Repensando a República: História, Pesquisa e Ensino, 2004, viçosa. Caderno de Resumos. Viçosa: DAH/CCH/UFV, 2004. p. 16-17.

15.
PIRES, Maria Do Carmo. Justiça local e administração em Mariana no século XVIII.. In: XIII Encontro Regional de História:, 2002, Belo Horizonte. Caderno de Resumos do XIII Encontro Regional de História:. Belo Horizonte: ANPUH, 2002. v. 1. p. 162-162.

16.
PIRES, Maria Do Carmo. Juízes de vintena e o poder local na comarca de Vila Rica (1720-1808). In: XXI XIII Encontro Regional de História:, 2001, Niterói. Livro de Resumos do XXIXIII Encontro Regional de História:. Niterói: ANPUH/UFF, 2001. v. 1. p. 373-374.

17.
PIRES, Maria Do Carmo. A Igreja em Minas Gerais no século XVIII: o Juízo Eclesiástico do Bispado de Mariana. In: XIX Simpósio Nacional de História:, 1997, Belo Horizonte. Caderno de Resumos do XIX Simpósio Nacional de História:. Belo Horizonte: ANPUH/UFMG, 1997. v. 1. p. 120-120.

18.
PIRES, Maria Do Carmo. A Igreja mineira setecentista: a atuação do Juízo Eclesiástico do Bispado de Mariana. In: X Encontro Regional de História:, 1996, Mariana. Caderno de Resumos do X Encontro Regional de História:. Mariana: ANPUH/UFOP, 1996. v. 1. p. 48-48.

19.
PIRES, Maria Do Carmo. Feiticeiros nas Minas Gerais Setecentista: um estudo de casos do Tribunal Eclesiástico. In: XI Semana de História: História: Objetos e investigações, 1996, Franca. Caderno de Resumos da XI Semana de História: História: Objetos e investigações. 1996: UNESP, 1996. v. 1.

20.
PIRES, Maria Do Carmo; SILVA, M. S. ; VILLALTA, L. C. . Mulheres, Padres e Religiosidade nas Minas Gerais Escravista (séculos XVIII e XIX). In: III Seminário de Iniciação Científica-UFOP/PUC-MG/FUNREI, 1995, São João del Rei. Caderno de Resumos do III Seminário de Iniciação Científica-UFOP/PUC-MG/FUNREI. São João del Rei: FUNREI/UFOP/PU-MG, 1995. v. 1. p. 31-31.

21.
PIRES, Maria Do Carmo. De Juiz a Infrator: O dilema do sacerdócio mineiro no século XVIII. In: XII Encontro Regional de História: Cultura-Memória-Poder, 1994, Campinas. Caderno de Resumos do XII Encontro Regional de História: Cultura-Memória-Poder. Campinas: ANPUH/UNICAMP, 1994. v. 1. p. 119-119.

22.
PIRES, Maria Do Carmo; SILVA, M. S. ; VILLALTA, L. C. . Mulheres, Padres e Religiosidade nas Minas Gerais escravista (séculos XVIII e XIX). In: II Seminário de Iniciação Científica - UFOP/PUC-MG/FUNREI, 1994, Belo Horizonte. Caderno de Resumos do II Seminário de Iniciação Científica - UFOP/PUC-MG/FUNREI. Belo Horizonte: PUC-MG/FUNREI/UFOP, 1994. v. 1. p. 28-28.

Apresentações de Trabalho
1.
PIRES, Maria Do Carmo; Bohrer, A. F. ; CARVALHO, A. N. ; MAGALHAES, S. M. ; MENESES, José Newton . Minas Gerais e o Mito da Fartura de Alimentos. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
PIRES, Maria Do Carmo. Mineiridade e Identidade Regional. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
PIRES, Maria Do Carmo. Políticas de preservação do patrimônio e acervos documentais. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
PIRES, Maria Do Carmo. Das Viagens dos Cientistas no século XIX aos Modernistas: a Mineiridade e o despertar do interesse turístico das Cidades Históricas de Minas Gerais. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
PIRES, Maria Do Carmo. O Patrimônio e sua influência na promoção do destino turístico. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
PIRES, Maria Do Carmo. A Hospitalidade, a Mineiridade e a Construção de Roteiros no Programa Estrada Real. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
PIRES, Maria Do Carmo; GONCALVES, A. O. . A construção de roteiros turísticos na região de Ouro Preto. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
PIRES, Maria Do Carmo. O 'Programa Estrada Real' e o processo de construção de roteiros turísticos em Minas Gerais. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B. ; GANDARA, J. . Educação Universitária: a graduação e a pós graduação no Brasil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
PIRES, Maria Do Carmo. História de Cidade de Ouro Preto. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
PIRES, Maria Do Carmo. História de Ouro Preto. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
PIRES, Maria Do Carmo; CARVALHO, G. S. . Pratas da Casa e Monitoramento de Egressos. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
PIRES, Maria Do Carmo. As Vilas de Minas Gerais. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
PIRES, Maria Do Carmo. Laços de Compadrio e Poder Local em Vila Rica: um estudo da formação Social das primeiras freguesias na primeira metade do século XVIII. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
PIRES, Maria Do Carmo. Os Registros Paroquiais das freguesias do Termo de Vila Rica: um estudo das paróquias de Nossa Senhora de Nazaré de Cachoeira do Campo, Santo Antônio da Casa Branca e São Bartolomeu. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

16.
PIRES, Maria Do Carmo; Briant, E. E. . Estruturação do Núcleo de Pesquisa e Extensão: Oficina do Turismo. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
PIRES, Maria Do Carmo. A Freguesia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no Século XVIII. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
PIRES, Maria Do Carmo. Um estudo do perfil social dos primeiros moradores da freguesia de Cachoeira do Campo. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
PIRES, Maria Do Carmo. Turismo, Patrimônio e Cultura. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
PIRES, Maria Do Carmo. A Justiça Eclesiástica no Brasil: O Tribunal Eclesiástico do Bispado de Mariana no século XVIII. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

21.
PIRES, Maria Do Carmo. As paróquias rurais do termo de Vila Rica: um estudo da formação social das primeiras freguesias do século XVIII. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
PIRES, Maria Do Carmo. As Câmaras Municipais e as Freguesias da Comarca de Vila Rica: o poder vintenário. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
PIRES, Maria Do Carmo. A Câmara Municipal e a Justiça nas freguesias da Comarca de Vila Rica: o problema de instâncias. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

24.
PIRES, Maria Do Carmo. Câmara Municipal, poder local e juízes de vintena na comarca de Vila Rica no século XVIII. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

25.
PIRES, Maria Do Carmo. A Justiça Eclesiástica nas Minas coloniais. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
PIRES, Maria Do Carmo. A expansão das fronteiras da comarca de Vila Rica e os novos oficiais dos sertões. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

27.
PIRES, Maria Do Carmo. As Freguesias do Termo de Mariana: Fontes para o Estudo do Poder Local no Período Colonial apresentada na Semana Comemorativa do Dia Internacional de Museus. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
PIRES, Maria Do Carmo. Patriazinha: A Formação da Identidade do Mineiro - Mesa Redonda: Idéias, Literatura como Patrimônio. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

29.
PIRES, Maria Do Carmo. A formação de uma oligarquia dirigente: os oficiais vintenários da comarca de Vila Rica nos séculos XVIII e XIX.. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

30.
PIRES, Maria Do Carmo. Administração e Justiça nas freguesias da comarca de Vila Rica: os oficiais vintenários. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

31.
PIRES, Maria Do Carmo. O poder local na comarca de Vila Rica no século XVIII: os juízes vintenários. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

32.
PIRES, Maria Do Carmo. Justiça Local e Administração em Mariana no século XVIII. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
PIRES, Maria Do Carmo. Juízes de Vintena e o poder local na Comarca de Vila Rica (1720-1808). 2001. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

34.
PIRES, Maria Do Carmo. O Poder Local na Comarca de Vila Rica no século XVIII. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
PIRES, Maria Do Carmo. O Poder Judiciário da Igreja: O Juízo Eclesiástico do Bispado de Mariana no século XVIII. 2000. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

36.
PIRES, Maria Do Carmo. A Igreja em Minas Gerais no século XVIII: O Juízo Eclesiástico do Bispado de Mariana. 1997. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

37.
PIRES, Maria Do Carmo. A Igreja mineira setecentista: atuação do Juízo Eclesiástico de Mariana. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

38.
PIRES, Maria Do Carmo. Feiticeiros nas Minas Gerais setecentista: um estudo de casos do Tribunal Eclesiástico. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
PIRES, Maria Do Carmo. Calundus e Práticas Mágicas: feiticeiros em Minas Gerais setecentistas. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

40.
PIRES, Maria Do Carmo; SILVA, M. S. . Mulheres, padres e religiosidade nas Minas Gerais escravista (séculos XVIII e XIX). 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
PIRES, Maria Do Carmo. De Juiz a Infrator: o dilema do sacerdócio mineiro no século XVIII. 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

42.
PIRES, Maria Do Carmo; SILVA, M. S. . Mulheres, Padres e Religiosidade nas Minas Gerais Escravista (séculos XVIII e XIX). 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

43.
PIRES, Maria Do Carmo. O Juízo Eclesiástico de Mariana. 1994. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
PIRES, Maria Do Carmo. "Em Testemunho de Verdade": Juízes de Vintena e o poder local na comarca de Vila Rica (1736-1808) 2005 (Tese de Doutorado).

2.
PIRES, Maria Do Carmo. Juízes e Infratores: o Tribunal Eclesiástico do Bispado de Mariana (1748-1800) 1997 (Dissertação de Mestrado).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
PIRES, Maria Do Carmo. Consultoria Ad'hoc. 2007.

Trabalhos técnicos
1.
PIRES, Maria Do Carmo. Parecerista da Revista Temporalidades. 2014.

2.
PIRES, Maria Do Carmo. Membro do Conselho Consultivo da ANPUH-MG. 2006.

3.
PIRES, Maria Do Carmo. Avaliador do Simpósio de Iniciação Científica da UFV. 2005.

4.
PIRES, Maria Do Carmo. Avaliador do Simpósio de Iniciação Científica da UFV. 2004.

5.
PIRES, Maria Do Carmo. Pesquisa sobre a infância de Pedro Aleixo na região de Ouro Preto e Mariana. 1995.

6.
PIRES, Maria Do Carmo. Organização e catalogação do arquivo pessoal, jurídico e político de Pedro Aleixo. 1995.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
PIRES, Maria Do Carmo. A importância do Patrimônio Histórico de Ouro Preto. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
PIRES, Maria Do Carmo; Bohrer, A. F. ; LEMOS, C. S. . História Secreta Ouro Preto. 2009.


Demais tipos de produção técnica
1.
PIRES, Maria Do Carmo. História, Patrimônio e Turismo. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
PIRES, Maria Do Carmo. Relatório Final do Programa Pesquisador Mineiro. 2011. (Relatório de pesquisa).

3.
PIRES, Maria Do Carmo. Relatório Final do Projeto do Edital de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas. 2009. (Relatório de pesquisa).

4.
PIRES, Maria Do Carmo. A Justiça na Capitania de Minas Gerais. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
PIRES, Maria Do Carmo. Treinamento em Leitura Paleográfica: Minas Gerais no Século XVIII. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
PIRES, Maria Do Carmo; ASSIS, A. A. F. ; VENANCIO, R. P. . Arquivos e Fontes para a História do Brasil Colonial(coordenador de mesa redonda). 2006. (Coordenador de Mesa Redonda).

7.
PIRES, Maria Do Carmo; BARBOSA, D. H. D. . Mini-Curso:Estamos Apresentando: A relação entre a telenovela brasileira e o regime militar. 2004. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

8.
PIRES, Maria Do Carmo. A Formação do Estado Brasileiro: séculos XVIII e XIX (coordenador de mesa redonda). 2004. (Coordenador de Mesa Redonda).

9.
PIRES, Maria Do Carmo. De Juz a Infrator: o Tribunal Eclesiástico do Bispado de Mariana (1748-1808). 1997. (Relatório de pesquisa).

10.
PIRES, Maria Do Carmo. De Juz a Infrator: o Tribunal Eclesiástico do Bispado de Mariana (1748-1808). 1996. (Relatório de pesquisa).

11.
PIRES, Maria Do Carmo; VILLALTA, L. C. ; SILVA, M. S. . De Juiz a Infrator: o dilema do sacerdócio mineiro no século XVIII. 1995. (Relatório de pesquisa).

12.
PIRES, Maria Do Carmo; VILLALTA, L. C. ; SILVA, M. S. . De Juiz a Infrator: estudos de casos do Tribunal Eclesiástico. 1994. (Relatório de pesquisa).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
PIRES, Maria Do Carmo; PEIXOTO, C. F. . Um olhar sobre os "teams" esportivos da ESAV. 2006 (Organização de Exposição Fotográfica).

Demais trabalhos
1.
PIRES, Maria Do Carmo. Instituições, Política e Cultura. 2007 (Grupo de pesquisa do CNPQ) .

2.
PIRES, Maria Do Carmo; ESPINDOLA, H. S. . História, Sociedade e Ambiente. 2006 (Grupo de pesquisa do CNPQ) .

3.
PIRES, Maria Do Carmo; FURTADO, J. F. ; ROMEIRO, A. . História de Minas e do Brasil - Espaço, Cultura e Sociedade. 2005 (Grupo de pesquisa do CNPQ) .

4.
PIRES, Maria Do Carmo. Mulheres, Padres e Religiosidade nas Minas Gerais Escravista (séculos XVIII e XIX). 1993 (Projeto de Pesquisa PIBIC/CNPQ) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G.; BOSCHI, C. C.. Participação em banca de Samila Luiza Xavier de Queiroz. Jurisdição e Governo: Política administrativa eclesiástica no bispado de Mariana (1764-1817). 2015. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

2.
PIRES, Maria Do Carmo; Silveira, M. A.; VELLASCO, I. A.. Participação em banca de Maria Gabriela Souza de Oliveira. O Rol das Culpas: Crimes e criminosos em Minas Gerais (1711-1745). 2014. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

3.
PIRES, Maria Do Carmo; MAGALHAES, S. M.; ALENCAR, M. A. G.. Participação em banca de Tânia Maria de Maio Leitão. Abastecimento alimentar em Goiás na primeira metade do século XIX. 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Goiás.

4.
PIRES, Maria Do Carmo; Andrade, F. E.; COSENTINO, F.. Participação em banca de Fernando Junio Santos Silva. Redes Governativas e Práticas Administrativas no Governo de Gomes Freire de Andrada (1735-1763). 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Teses de doutorado
1.
PIRES, Maria Do Carmo; CASTRO, P. T. A.; AZEVEDO, U. R.; MACHADO, M. M. M.; NOLASCO, M. C.. Participação em banca de Suzana Fernandes de Paula. Dois séculos de viagens motivadas pelo (re)conhecimento da geodiversidade: bases metodológicas e teóricas para inventariação, qualificação e quantificação de valores da geodiversidade relevantes ao desenvolvimento do geoturismo no Caminho dos Diamantes (Estrada Real, MG, Brasil). 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Evolução Crustal e Recursos Naturais) - Universidade Federal de Ouro Preto.

2.
PIRES, Maria Do Carmo; LEWKOWICZ, I.; GIANNI, T. P.; LEME, M. S.; BARBOSA, A. S.. Participação em banca de Leandro Benedini Brusadin. A dinâmica do patrimônio cultural e o Museu da Inconfidência em Ouro Preto (MG). 2011. Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

3.
PIRES, Maria Do Carmo; NUNES, Edison; MARTIN, André Roberto; Passetti, Dorothea Voegeli; Resende, Paulo Edgar Almeida. Participação em banca de Aluísio Finazzi Porto. Turismo e Cultura: Olhares Estrangeiros Sobre o Carnaval do Brasil. 2009. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Qualificações de Mestrado
1.
PIRES, Maria Do Carmo; Andrade, F. E.; Gonçalves, A. L.. Participação em banca de Ana Alvarenga de Souza. Os devotos de Mercês dos Perdões: o jogo de identidades e a liberdade civil, Minas Gerais, 1750-1831. 2016.

2.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G.; Gonçalves, A. L.. Participação em banca de Samila Luiza Xavier de Queiroz. Secularização e Sacralização: Política administrativa Eclesiástica na América Portuguesa.. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

3.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G.. Participação em banca de Lucas Moraes Souza. Tecendo as redes na revolta: o governo de D. Pedro Miguel de Almeida e os "homens bons" de Vila do Carmo na repressão à Revolta de Vila Rica em 1720. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

4.
PIRES, Maria Do Carmo; Gonçalves, A. L.; Silveira, M. A.. Participação em banca de Gabriela Souza de Oliveira. Crimes e Culpas em Minas Gerais: o Rol dos Culpados da cidade de Mariana (1731-1808). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

5.
PIRES, Maria Do Carmo; Antunes, A. A.; Silveira, M. A.. Participação em banca de Luciano Guimarães Pereira. A defesa da honra no período colonial: as ações de injúria como instrumento de afirmação social (Mariana, 1739-1799). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
PIRES, Maria Do Carmo; Alves, K. S.; CARVALHO, V.. Participação em banca de Renata Adriana da Silva.O sentimento de pertencimento e a percepção da comunidade do subdistrito de Bento Rodrigues diante do rompimento da Barragem. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

2.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; CARVALHO, A. N.. Participação em banca de Maria Fernanda Pires.A atividade turística para diabéticos: empecilhos para uma alimentação saudável em Ouro Preto. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

3.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; Alves, K. S.. Participação em banca de Luan Ludovick Ayres.Políticas Públicas de Turismo: uma análise da cidade de Carrancas - MG. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

4.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; BRUSADIN, L. S. P.. Participação em banca de Taciane Lilian Gomes do Prado.Gastronomia e Diversidade Cultural: a viabilidade de um roteiro gastronômico em São Paulo pelo metrô. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

5.
PIRES, Maria Do Carmo; DEMARCHI, L. B.; PIERRE, L. T.. Participação em banca de Aline Macedo Silva Araújo.O consumo de plantas alimentícias não convencionais -PANCs - nas cidades de Ouro Preto e Mariana. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Gastronomia) - Instituto Federal Minas Gerais.

6.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; Brusadin, L. B.. Participação em banca de Cecília Ulisses.Hospitalidade e Gênero: relações domésticas e comerciais. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

7.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; LIMA, C. S.. Participação em banca de Patrícia Marques da Silva.Da Graduação em Turismo à inserção no Mercado de Trabalho: estudo dos egressos da UFOP. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

8.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; CHAVES, V. C.. Participação em banca de Fagner Parreiras Egg.Turnover: uma vertente da relação entre perfil, motivação e qualidade de vida do trabalho de colaborador do setor hoteleiro das cidades da região do Médio Paraopeba. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

9.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, V. C.; Vilaschi, J. N. S.. Participação em banca de José Renato Alves Júnior.A apropriação do Patrimônio Histórico pelo Turismo: o caso da Casa dos Contos de Ouro Preto/MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

10.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Alves, K. S.. Participação em banca de Luísa Fernandes Gomes.O Ensino e a prática do Turismo nas Escolas e usos e desusos do Turismo Pedagógico nas escolas de Ouro Preto - MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

11.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; PAULA, S. F.. Participação em banca de Bárbara Natali Soares Guimarães.O evento como potencializador da cultura e da economia local: o Encontro Internacional de Palhaços de Mariana - MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

12.
PIRES, Maria Do Carmo; Vilaschi, J. N. S.; SILVESTRE, S. F.. Participação em banca de Simone Corrêa Salles.Patrimônio Cultural Imaterial: estudo de caso dos doces de São Bartolomeu (MG) como patrimônio cultural imaterial de Ouro Preto (MG). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

13.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, V. C.; Fonseca Filho, R. E. Participação em banca de Viviane Dias Fontelles.A celebração da Semana Santa na cidade histórica de Ouro Preto- MG. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

14.
PIRES, Maria Do Carmo; RAMOS,M. V.; BURKOWICZ, R.. Participação em banca de Erivelton Alessandro Pimenta de Jesus.Uso e apropriação do espaço em Cachoeira do Brumado, distrito de Mariana - MG. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

15.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Alves, K. S.. Participação em banca de Júlia Fernandes.Gestão de Pessoas no Setor Hoteleiro: prática fundamental para a valorização do fator humano proporcionando qualidade nos serviços prestados. Estudo de Caso da Pousada Clássica - Ouro Preto/MG. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

16.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Alves, K. S.. Participação em banca de Waléria Thabata Roldão Niquini.O Ensino Superior em Turismo e as Relações de Ensino-Aprendizagem. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

17.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Alves, K. S.. Participação em banca de Aline Tomaz Amaral.A prática da Hospitalidade Comercial e a Representação da Mineiridade em Ouro Preto- MG. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

18.
PIRES, Maria Do Carmo; Bedim, B. P.; Fonseca Filho, R. E. Participação em banca de Érica Viviane Murta.Patrimônio Cultural, transportes e turismo: ferrovias como atrativos turísticos. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

19.
PIRES, Maria Do Carmo; Alves, K. S.; KNUPP, M.. Participação em banca de Renan Rodrigues Ferreira.A capacitação profissional hoteleira em Ouro Preto - MG. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

20.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; BURKOWICZ, R.. Participação em banca de Guilherme Morgado Leão.Eventos Culturais e a Semana Santa de Ouro Preto: um estudo de caso sobre a tipologia dos visitantes. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

21.
PIRES, Maria Do Carmo; Alves, K. S.. Participação em banca de Melina Emerich Mórtimer.Associativismo e Turismo Rural: o uso da cooperação para o desenvolvimento local em Ibativa- ES. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

22.
PIRES, Maria Do Carmo; Alves, K. S.; Brusadin, L. B.. Participação em banca de Aline Carolina Rodrigues.As Agências de Turismo à luz do Código de Defesa do Consumidor. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

23.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; Brusadin, L. B.. Participação em banca de Marina Figueiredo Campos.Gestão Hoteleira em Ouro Preto sob o enfoque da hospitalidade comercial: o caso do Grande Hotel. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

24.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; Souza, R.C.. Participação em banca de Priscila Silva Roque.Análise do envolvimento da comunidade local no desenvolvimento do Roteiro Enoturístico do Vale dos Vinhedos - RS. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

25.
PIRES, Maria Do Carmo; Alves, K. S.; Brusadin, L. B.. Participação em banca de Juliana Cota e Souza.O Ensino Superior em Turismo e os indicadores de desempenho acadêmico. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

26.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; Brusadin, L. B.. Participação em banca de Laura Ranhel Brasilino.Os restaurantes e a atividade turística: recursos humanos, infraestrutura e serviços em Ouro Preto (MG). 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

27.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Alves, K. S.. Participação em banca de Flávia de Souza Alves.Turismo e Cultura: as representações sociais do Festival de Inverno na perspectiva dos moradores de Ouro Preto (MG). 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

28.
PIRES, Maria Do Carmo; Fonseca Filho, R. E; KNUPP, M.. Participação em banca de Lucas Vilela Barbosa.E-Turismo e Tablets: o potencial do uso de Tablets no Turismo e o contexto de crescimento nacional. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

29.
PIRES, Maria Do Carmo; Fonseca Filho, R. E; Souza, P. P. A.. Participação em banca de Amanda Modena Carraretto.Impactos socioculturais do turismo de eventos: carnaval de Ouro Preto (MG). 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

30.
PIRES, Maria Do Carmo. Participação em banca de Alessandra Maria de Moura Freire.Um Testamento para a Memória: questões para a pesquisa da documentação oitocentista de D. Angela Cândida Rodrigues. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) - Universidade Federal de Ouro Preto.

31.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Alves, K. S.. Participação em banca de Camila Sayuri Sasaki.A cultura japonesa e a hospitalidade no bairro da Liberdade em São Paulo. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

32.
PIRES, Maria Do Carmo; Andrade, F. E.; CHAVES, C. M. G.. Participação em banca de Samila Luiza Xavier de Queiroz.Construindo as Minas, Administrando as Almas: governos episcopais do bispado de Mariana (1777-1817). 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

33.
PIRES, Maria Do Carmo; KNUPP, M.; Brusadin, L. B.. Participação em banca de Alex Maciel Mota.Um olhar discente do curso de Turismo da Universidade Federal de Ouro Preto diante do ensino e sua relação com o mercado de trabalho. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

34.
PIRES, Maria Do Carmo; Costa, E.B.; Porto, A. F.. Participação em banca de Paula Facio.O Patrimônio Urbano sob a perspectiva do Morador de Ouro Preto - da mercantilização ao uso local. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

35.
PIRES, Maria Do Carmo; Costa, E.B.; Brusadin, L. B.. Participação em banca de Livia Maria Costa Rodrigues.Requalificação urbana e degradação de sítios históricos: apontamentos sobre a cidade de Ouro Preto. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

36.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Costa, E.B.. Participação em banca de Rafaela Costa Vieira.Gastronomia em Ouro Preto: Um caminho entre a valorização de identidades à uma personalidade gastronômica. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

37.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; SOUZA, M. C.. Participação em banca de Camila de Brito Antonucci Benatti Braga.Identidade Cultural e Gestão social na ótica do Turismo. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

38.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; FERNANDES, S. M.. Participação em banca de Rafael Henrique Teixeira.O uso turístico do Patrimônio Cultural em Ouro Preto: conceitos, interlocuções e utilização turística. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

39.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; ANUNCIACAO, A. L.. Participação em banca de Gabriela Nascimento.A realidade das propostas interdisciplinares de bacharelado em Turismo da Universidade Federal de Ouro Preto. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

40.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; Costa, E.B.. Participação em banca de Carla Neves Almeida Gomes.Cidade, Território e Memória: O caso do Programa Monumenta em Ouro Preto. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

41.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; LEMOS, C. S.. Participação em banca de Larissa Costa Monteiro.As perspectivas socioeconomicas do Complexo Turístico do Lago de Furnas - MG. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

42.
PIRES, Maria Do Carmo; Bedim, B. P.; TRIGUEIRO, K.. Participação em banca de Laura Miranda Borba.Etnografia do modelo de gestão do Turismo Solidário em Capivari - Serro - MG. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

43.
PIRES, Maria Do Carmo; Brusadin, L. B.; PINHO, M. S. M.. Participação em banca de Dalila Gabriela Coelho dos Santos.Identidade Cultural: valorização cultural de Amarantina por meio da atividade turística. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

44.
PIRES, Maria Do Carmo; LEMOS, C. S.; MATTOS, Y.. Participação em banca de Marina Moreno Putini.Projeto "Museu Aberto Cidade Viva": Memória das relações sociais na cidade de Ouro Preto. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

45.
PIRES, Maria Do Carmo; Bedim, B. P.; PAULA, P. A.. Participação em banca de Mariana Pimentel Maia Lanziotti.Programas de Intercâmbio Cultural: questões e desafios emergentes. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

46.
PIRES, Maria Do Carmo; BURKOWICZ, R.; OSTANELLO, M. C. P.. Participação em banca de Carla Elzi Rodrigues da S. Acácio.Educação Ambiental no contexto de Geoparques. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

47.
PIRES, Maria Do Carmo; BURKOWICZ, R.; PAULA, H.. Participação em banca de Carolina Botura Antunes.Turismo: um capital simbólico pleno de valores de distinção. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

48.
PIRES, Maria Do Carmo. Participação em banca de Daniele Vinhas.A relação entre as agências de viagens e seus clientes: prestação de serviços para a terceira idade. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto.

49.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G.. Participação em banca de Adriano Toledo Paiva."Das Trevas do Gentilismo às Luzes do Evangelho": Entrantes e indígenas nos sertões do Rio Pomba. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

50.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G.; DORELA, P.. Participação em banca de Camila Stofeles Cecon."Os casos Mixti-Fori nas Minas setecentistas- Mariana: um estudo de caso (1745-1775). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

51.
CHAVES, C. M. G.; PIRES, Maria Do Carmo; COSENTINO, F.. Participação em banca de Thiago Enes Santos.Manter a cidade, governar um Império: o direito de almotaçaria na tradição administrativa portuguesa e seus desdobramentos nas Minas Gerais setecentistas (1745-1800). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

52.
GONTIJO, F. M.; PIRES, Maria Do Carmo; DIAS, M. M.. Participação em banca de Vanessa Aguiar Borges.A questão agrária e a luta pela terra no Vale do Jequitinhonha: o Massacre de Felisburgo. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

53.
PIRES, Maria Do Carmo; Mendes, Fábio Faria; COSENTINO, F.. Participação em banca de Ana Paula Moreira Magalhães.Trajetória política e perfil social dos governadores-gerais do Estado do Brasil:1640-1705. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

54.
PIRES, Maria Do Carmo; Mendes, Fábio Faria; ASSIS, A. A. F.. Participação em banca de Roberta Kelly Sousa Salgado."Com asseio e caridade": exposição e criação de enjeitados em Mariana (1760-1799). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

55.
PIRES, Maria Do Carmo; ASSIS, A. A. F.; GRACINO JUNIOR, P.. Participação em banca de Amélia Gabriela Thamer Miranda Ramos.Camarada, Amigo, Irmão: os movimentos estudantis da UFV. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

56.
PIRES, Maria Do Carmo; ASSIS, A. A. F.; FRANCO, S. M. S.. Participação em banca de Zózimo Pereira Souza.Rosário dos Pretos: aspectos religiosos da Mariana setecentista (1748-1760). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

57.
PIRES, Maria Do Carmo; ASSIS, A. A. F.; MARTINS, K. D.. Participação em banca de Reinaldo Azevedo Schiavo.Os redentoristas e o Mobon: uma análise do Catolicismo em Porto Firme-MG. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

58.
PIRES, Maria Do Carmo; ASSIS, A. A. F.; MARTINS, K. D.. Participação em banca de Fernanda Alves Costa.As devassas eclesiásticas e os cristãos novos em Mariana setecentista. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.

59.
PIRES, Maria Do Carmo; CHAVES, C. M. G.. Participação em banca de Weder Ferreira da Silva.Companhia de Comércio e Navegação do Mucuri: Projeto de civilização para as Minas Gerais Oitocentista (1847-1861). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
PIRES, Maria Do Carmo; Fonseca Filho, R. E; KNUPP, M.. Membro da banca do Concurso Público para Professor Substituto da área do Turismo. 2014. Universidade Federal de Ouro Preto.

2.
PIRES, Maria Do Carmo; WADA, E. K.; GANDARA, J.. Concurso Público de Provas e Títulos para professor efetivo. 2011. Universidade Federal de Ouro Preto.

3.
PIRES, Maria Do Carmo; Bedim, B. P.; Vilaschi, J. N. S.. Concurso Público para Professor Substituto na área de Geografia aplicada ao Turismo. 2009. Universidade Federal de Ouro Preto.

4.
PIRES, Maria Do Carmo; Queiroz, Jonas Marçal; Mendes, Fábio Faria. Membro da banca examinadora do Concurso de Professor Substituto na área de História Contemporânea. 2006. Universidade Federal de Viçosa.

5.
PIRES, Maria Do Carmo; Mendes, Fábio Faria; MARTINS, K. D.; ASSIS, A. A. F.. Membro suplente da banca examinadora do concurso de Professor Substituto para a disciplina História da América. 2006. Universidade Federal de Viçosa.

6.
PIRES, Maria Do Carmo; Queiroz, Jonas Marçal; Mendes, Fábio Faria. Membro da Banca Examinadora para o concurso de Professor Substituto, na área de Prática de Ensino de História no Departamento de Artes e Humanidades. 2004. Universidade Federal de Viçosa.

7.
PIRES, Maria Do Carmo; Queiroz, Jonas Marçal; DINIZ, M. F. S.; ROSSI, G. F.; OLIVEIRA, E. P.. Membro Suplente da Banca Examinadora para o Concurso de Professor Substituto na área de História Econômica. 2004. Universidade Federal de Viçosa.

8.
PIRES, Maria Do Carmo; GASPARI, L. T.; Ribas, Joaquim. Presidente da banca examinadora do teste seletivo para contratação de docentes na categoria de professor colaborador para o Departamento de História. 2000. Centro Universitário da Cidade de União da Vitoria.

Outras participações
1.
PIRES, Maria Do Carmo; ASSIS, A. A. F.; Queiroz, Jonas Marçal. Membro da Banca Examinadora para aplicação de Exames de Suficiência em História Contemporânea. 2006. Universidade Federal de Viçosa.

2.
PIRES, Maria Do Carmo. Membro da comissão avaliadora das apresentações dos bolsistas do Departamento de Artes e Humanidades no XV Simpósio de Iniciação Científica, V Mostra Científica de Pós-Graduação e III Simpósio de Extensão Universitária. 2006. Universidade Federal de Viçosa.

3.
PIRES, Maria Do Carmo. Membro da banca para avaliação das apresentações dos trabalhos dos bolsistas do Departamento de Artes e Humanidades no XIV Seminário de Iniciação Científica. 2004. Universidade Federal de Viçosa.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Festival de Turismo de Ouro Preto. O Programa Estrada Real e a construção de roteiros turísticos na região de Ouro Preto. 2015. (Feira).

2.
V Mostra Pró-Ativa.Pratas da Casa e Monitoramento de Egressos. 2012. (Outra).

3.
Festival de Inverno de Ouro Preto.As Vilas de Minas Gerais. 2011. (Outra).

4.
Pequena Nobreza nos Impérios Ibéricos de Antigo Regime. Laços de Compadrio e Poder Local em Vila Rica: um estudo da formação Social das primeiras freguesias na primeira metade do século XVIII. 2011. (Congresso).

5.
Simpósio Internacional Poderes e Lugares de Minas Gerais: 300 anos de Ouro Preto.Os Registros Paroquiais das freguesias do Termo de Vila Rica: um estudo das paróquias de Nossa Senhora de Nazaré de Cachoeira do Campo, Santo Antônio da Casa Branca e São Bartolomeu. 2011. (Simpósio).

6.
III Mostra Pró-Ativa.Estruturação do Núcleo de Pesquisa e Extensão: Oficina do Turismo. 2010. (Outra).

7.
V Jornada Mineira do Patrimônio Cultural.A Freguesia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no Século XVIII. 2009. (Outra).

8.
V Semana de Turismo da UFOP - SETUR.Um estudo do perfil social dos primeiros moradores da freguesia de Cachoeira do Campo. 2009. (Outra).

9.
III Colóquio Nacional de História.A Justiça Eclesiástica no Brasil: O Tribunal Eclesiástico do Bispado de Mariana no século XVIII. 2008. (Outra).

10.
IV Semana de Estudos Turísticos.Turismo, Patrimônio e Cultura. 2008. (Outra).

11.
Seminário Internacional Administrando Impérios: Portugal e Brasil nos séculos XVIII e XIX.As Câmaras Municipais e as Freguesias da Comarca de Vila Rica: o poder vintenário. 2008. (Seminário).

12.
XVI Encontro Regional de História.As paróquias rurais do termo de Vila Rica: um estudo da formação social das primeiras freguesias do século XVIII. 2008. (Encontro).

13.
Associação Nacional de História - ANPUH.Câmara Municipal, juízes de vintena e o poder local na comarca de Vila Rica no século XVIII. 2007. (Encontro).

14.
I Simpósio Impérios e Lugares no Brasil: Território, conflito e identidade.A Câmara Municipal e a Justiça nas freguesias da Comarca de Vila Rica: o problema de instâncias. 2007. (Simpósio).

15.
Congresso Euro-Brasileiro de Gestão do Patrimônio Cultural. Patriazinha: A Formação da Identidade do Mineiro - Mesa Redonda: Idéias, Literatura como Patrimônio. 2006. (Congresso).

16.
I Seminário de História do ICHS.A Expansão das fronteiras da comarca de Vila Rica e os novos oficiais dos sertões. 2006. (Seminário).

17.
Semana de História.A Justiça Eclesiástica nas Minas coloniais. 2006. (Outra).

18.
Semana Nacional de Museus.As Freguesias do Termo de Mariana: Fontes para o Estudo do Poder Local no Período Colonial apresentada na Semana Comemorativa do Dia Internacional de Museus. 2006. (Outra).

19.
Simpósio Estado, Região e Sociedade.Simpósio Estado, Região e Sociedade. 2006. (Simpósio).

20.
XV Encontro Regional de História - ANPUH-MG.A formação de uma oligarquia dirigente: os oficiais vintenários da comarca de Vila Rica nos séculos XVIII e XIX. 2006. (Simpósio).

21.
Encontro Brasil-Portugal: Sociedades, Culturas e Formas de Governar no Mundo Português - Séculos XVI a XVIII.juízes de Vintena e Poder Local na Comarca de Vila Rica. 2005. (Encontro).

22.
II Semana Acadêmica do Curso de História:repensando a República: História, Pesquisa e Ensino. 2004. (Outra).

23.
XIV Encontro Regional de História Caminhos da História: Desafios da historiografia em Minas GeraisCaminhos da História: Desafios da historiografia em Minas Gerais.O poder local na comarca de Vila Rica no século XVIII: os juízes vintenários.. 2004. (Encontro).

24.
XIII Encontro Regional de História.XIII Encontro Regional de História. 2002. (Encontro).

25.
XXI Simpósio Nacional de História:A História entre o Novo Milênio: entre o indivíduo e o coletivo.XXI Simpósio Nacional de História:A História entre o Novo Milênio: entre o indivíduo e o coletivo. 2001. (Simpósio).

26.
Simpósio Momentos Fundadores da Formação Nacional.Simpósio Momentos Fundadores da Formação Nacional. 2000. (Simpósio).

27.
XIX Simpósio Nacional de História:História e Cidadania.XIX Simpósio Nacional de História:História e Cidadania. 1997. (Simpósio).

28.
II Encontro Nacional de Alunos de Pós-Graduação em História.II Encontro Nacional de Alunos de Pós-Graduação em História. 1996. (Encontro).

29.
X Encontro Regional de História:Minas, Trezentos anos: um balanço historiográfico.X Encontro Regional de História:Minas, Trezentos anos: um balanço historiográfico. 1996. (Encontro).

30.
XI SEmana de História:História: Objetos e Investigações.XI SEmana de História:História: Objetos e Investigações. 1996. (Outra).

31.
III Seminário de Iniciação Científica.III Seminário de Iniciação Científica. 1995. (Seminário).

32.
II Seminário de Iniciação Científica.II Seminário de Iniciação Científica. 1994. (Seminário).

33.
Mariana Trezentos Anos: Um balanço da produção historiográfica.Mariana Trezentos Anos: Um balanço da produção historiográfica. 1994. (Outra).

34.
XII Encontro Regional de História:Cultura, Memória, Poder.XII Encontro Regional de História:Cultura, Memória, Poder. 1994. (Encontro).

35.
Seminário de Historiografia Mineira.Seminário de Historiografia Mineira. 1993. (Seminário).

36.
1492-1992: Narrativas, História e Ficção. 1492-1992: Narrativas, História e Ficção. 1992. (Congresso).

37.
Às Vésperas da Revolução: História e Cultura da Rússia no século XIX.Às Vésperas da Revolução: História e Cultura da Rússia no século XIX. 1992. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PIRES, Maria Do Carmo; Andrade, F. E. ; Bohrer, A. F. . Poderes e Lugares de Minas Gerais: 300 anos de Ouro Preto. 2011. (Congresso).

2.
PIRES, Maria Do Carmo; COSENTINO, F. ; Mendes, Fábio Faria ; ASSIS, A. A. F. ; MARTINS, K. D. ; Queiroz, Jonas Marçal ; FRANCO, S. M. S. . II Seminário de História Instituições, Política e Cultura... 2007. (Congresso).

3.
PIRES, Maria Do Carmo. I Ciclo de Palestras. 2006. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Danielle de Fátima Eugênio. Arrematantes de Obras Públicas em Vila do Carmo e Cidade de Mariana (1711-1808). 2013. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

2.
FERNANDO JUNIO SANTOS SILVA. APELOS AOS GOVERNADORES: ESTRATÉGIAS INSTUCIONAIS E SOCIAIS PARA A RESOLUÇÃO DE CONFLITOS (1735-1788). 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Ouro Preto, . Orientador: Maria do Carmo Pires.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Allyson Eduardo da Silva Lima. As Minas por trás de Manuel Nunes Viana: A Guerra dos Emboabas nos Livros Didáticos. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Cultura e Arte Barroca) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

2.
Carlos Henrique Carneiro. De Saragoza a Vila Rica de Ouro Preto: o culto a Nossa Senhora do Pilar. 2013. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Cultura e Arte Barroca) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

3.
Luiz Roberto Krauss. A IGREJA MATRIZ DE SÃO THOMÉ NO CONTEXTO DA HISTÓRIA DA ARTE COLONIAL LUSO-BRASILEIRA. 2012. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Cultura e Arte Barroca) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

4.
Eliane DAmaso da Silveira. Escola de Educação Básica Estanislau Schumann/SC. 2001. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História Social) - Centro Universitário da Cidade de União da Vitoria. Orientador: Maria do Carmo Pires.

5.
Carme Baggio Cieslak. O contexto sócio-econômico e o reflexo na moda entre as décadas de 20 e 30. 2001. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História Social) - Centro Universitário da Cidade de União da Vitoria. Orientador: Maria do Carmo Pires.

6.
Adiceli Rodrigues de Paula. Escola Básica Maria Izabel de Lima Cubas/SC. 2000. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História Social) - Centro Universitário da Cidade de União da Vitoria. Orientador: Maria do Carmo Pires.

7.
Elizabete Gude Reck. Comunidade Evangélica Luterana de Canoinhas/SC. 2000. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História Social) - Centro Universitário da Cidade de União da Vitoria. Orientador: Maria do Carmo Pires.

8.
Eraldo Antônio de Castro. O cinema em União da Vitória nas décadas de 1940-1970. 2000. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História Social) - Centro Universitário da Cidade de União da Vitoria. Orientador: Maria do Carmo Pires.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Marco Antonio Leite Brandão. Zé Pereira do Club dos Lacaios: do carnaval de Ouro Preto ao carnaval em Ouro Preto. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

2.
Ariana Oliveira Gonçalves. Conselho Municipal de Patrimônio: Ações de proteção dos bens culturais dos distritos de Ouro Preto - MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

3.
Fernando Braganca Soares. A dança folclórica de Cuiabá como influência para o fomento do mercado turístico do estado de Mato Grosso: o caso do grupo Flor Ribeirinha. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

4.
Thales Silveira Marques. A Cidade Patrimônio e o Turismo: O impacto do Trânsito na cidade de Ouro Preto ? MG. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

5.
Telma Cristina de Oliveira Brogna. A importância da Educação Patrimonial nas escolas municipais para o desenvolvimento do turismo na cidade de Ouro Preto. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

6.
Walber Martins de Aquino. Turismo Religioso: A festa de Nossa Senhora do Rosário - uma proposta de registro como bem imaterial da Cidade de Paula Cândido - MG. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

7.
Élida Lúcia Bowen Tonelli. Hospitalidade Mineira: um estudo sobre a consolidação da forma de bem receber em Minas Gerais no século XIX. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

8.
Eliane Aparecida das Graças Silva. Basílica de Nossa Senhora do Pilar e o Turismo na cidade de Ouro Preto - MG. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

9.
Livia Barbosa Nogueira Borges. Festival de Arte Negra de Belo Horizonte: Arte e intervenção turística no espaço urbano. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

10.
Giselle dos Santos de Carvalho. O Circuito do Ouro como instrumento turístico para a formação de uma identidade cultural. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

11.
Paula Tirado Nogueira. O Turismo Cultural em São João Del-Rei (MG): perfil e percepção dos turistas. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

12.
Anne Karollyne Ferreira. TURISMO E CULTURA: UM ESTUDO DE CASO DO DISTRITO. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

13.
MONAH RHEMANN BAETA. POTENCIAL E DESENVOLVIMENTO DE UM PRODUTO ARQUEOTURÍSTICO: O CASO DO SÍTIO ARQUEOLÓGICO DO MORRO SANTANA - MG. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

14.
Natália Rodrigues de Melo. Ação Educativa do IPHAN/ UFOP/FAOP: Educação Patrimonial no projeto ?Sentidos Urbanos, Patrimônio e Cidadania. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

15.
Salete Cristina Porto Falcão. Estudo das intervenções na cidade de Mariana: a busca pelo titulo de Patrimônio Cultural da Humanidade. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

16.
Roberto de Paula Umbelino. Patrimônio Cultural Ouropretano: a influência da preservação como possível fator motivacional na escolha de um destino. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

17.
Reginamaria Loures de Oliveira. Festa de Nossa Senhora do Rosário de Paula Cândido ? MG?. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

18.
Tiago Siqueira Reis. O Museu Aleijadinho: perspectivas e integração à atividade turística de Ouro Preto. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

19.
Cristiane Moreira Vargas. O patrimônio Cultural de Diamantina e a sua interlocução com o Turismo. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

20.
Fernanda de Cássia Leão Lana. Os benefícios da Lei de Incentivo à Cultura na comunidade: o caso de Ouro Branco. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

21.
Daniele Carvalho Campos. História do Fenômeno Turístico no município de Cambuquira-MG. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

22.
Mila Moreira Ribeiro. Patrimônio Cultural e Turismo: um estudo do turismo cultural em Cachoeira do Campo. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

23.
Wesley José Damaso Costa. Educação Patrimonial e Turismo Sustentável: um olhar sobre o município de Itabirito. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

24.
Mariana Alves Braga. O Festival de Inverno de Ouro Preto: acesso à arte e democratização da cultura local por meio do evento. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

25.
Adriano Toledo Paiva. "Das Trevas do Gentilismo às Luzes do Evangelho": entrantes e indígenas nos sertões do Rio Pomba. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Maria do Carmo Pires.

26.
Camila Stofeles Cecon. Os Casos "Mixti-Fori" nas Minas Setecentistas - Mariana: um estudo de caso (1745-1775). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Maria do Carmo Pires.

27.
Zózimo Pereira de Souza. Rosário dos Pretos: aspectos religiosos da Mariana setecentista (1748-1760). 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Maria do Carmo Pires.

Iniciação científica
1.
Hayla Almeida Fortes. Turismo Gastronômico e Patrimônio Imaterial: um estudo da gastronomia de Chapada de Lavras Novas -Ouro Preto (MG). 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maria do Carmo Pires.

2.
Ariana Oliveira Gonçalves. A Construção de Roteiros Turísticos do Programa Estrada Real na Região de Mariana (MG). 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PIP PROPP UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

3.
Lívia Barbosa. A construção de roteiros turísticos do Programa Estrada Real na região de Ouro Preto(MG). 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PIVIC-PROPP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

4.
Ariana Oliveira Gonçalves. Patrimônio, Memória e História: o Conselho Municipal de Patrimônio e os distritos de Ouro Preto(MG). 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maria do Carmo Pires.

5.
Rodrigo Guissoni. Turismo, Patrimônio e História: Um estudo do perfil dos visitantes dos distritos de Ouro Preto. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

6.
Paulo Cezar Miranda Nacif. As Freguesias do Campo: um estudo da formação social da freguesia de Santo Antônio da Casa Branca no século XVIII. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maria do Carmo Pires.

7.
Mariana Toledo. As Freguesias do Campo: um estudo da formação social da freguesia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no século XVIII. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

8.
Elida Lúcia Bowen Tonelli. Cultura, História e Turismo na Estrada Real: continuidades e descontinuidades na trilha dos viajantes do século XIX. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maria do Carmo Pires.

9.
Giselle dos Santos de Carvalho. O Circuito do Ouro como instrumento turístico para a formação de uma identidade cultural. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PIVIC PROPP UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

10.
Rodrigo Guissoni. Turismo, Patrimônio e História: um estudo do perfil do visitante dos distritos de Ouro Preto. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

11.
Ada Gomes Ribeiro. As Freguesias do Campo: um estudo da paróquia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no século XVIII. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

12.
Anne Karollyne Ferreira. As paróquias rurais do termo de Vila Rica: um estudo sobre a formação social das primeiras freguesias do século XVIII. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maria do Carmo Pires.

13.
Natália Rodrigues de Melo. Ação Educativa do IPHAN/ UFOP/FAOP: Educação Patrimonial no projeto ?Sentidos Urbanos, Patrimônio e Cidadania. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em turismo) - UFOP, PIVIC PROPP UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

14.
Marcelle Daniele de Carvalho Braga. As Freguesias do Campo: um estudo da paróquia de Nossa Senhora de Nazaré da Cachoeira do Campo no século XVIII. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em turismo) - UFOP, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

15.
Solange Pilar do Carmo. Preservação da Memória Histórica: Pesquisa e Inventário do Conjunto Patrimonial de Cachoeira do Campo. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em turismo) - UFOP, PIP PROPP UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

16.
Paulo Cesar Nacif. As Freguesias do Campo: um estudo da paróquia de Santo Antônio da Casa Branca no século XVIII. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Ouro Preto, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maria do Carmo Pires.

17.
Mila Moreira Ribeiro. As paróquias rurais do termo de Vila Rica: um estudo da formação social das primeiras freguesias no século XVIII. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

18.
Laura Miranda Borba. Turismo Solidário e Hospitalidade: Estudo de viabilidade da implantação do modelo de gestão do distrito de Capivari (Serro/MG) no Morro da Queimada (Ouro Preto/MG. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

19.
Clarissa Ferreira Peixoto. Preservando a Memória Histórica: o Arquivo Histórico da UFV. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Viçosa, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

20.
Martha Shauana Batista Santana. Preservando a Memória Histórica: o Arquivo Histórico da UFV. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Viçosa, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maria do Carmo Pires.

21.
Luana de Souza Faria. Os Descaminhos do Ouro: um estudo do contrabando em Vila Rica (1720-1750). 2007. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Viçosa, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

22.
Thiago Nicodemos Enes dos Santos.. Arquivo Histórico da UFV: Pesquisa e Memória. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Viçosa, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

23.
Ana Paula Almeida. Rio Doce: Utopia da Riqueza. Estudo da formação das Cidades: 1940-1970. 2003. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Vale do Rio Doce. Orientador: Maria do Carmo Pires.

Orientações de outra natureza
1.
Mauro Lúcio Siqueira Trindade. Monitoria. 2016. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Maria do Carmo Pires.

2.
Leandro de Jesus Leite dos Santos. Educação Patrimonial em Mariana (MG): registro e oficinas das Festividades da Semana Santa da Catedral Basílica de Nossa Senhora da Assunção. 2016. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

3.
Patrick Matheus Rodrigues. Educação Patrimonial em Mariana (MG): registro e oficinas das Festividades da Semana Santa da Catedral Basílica de Nossa Senhora da Assunção. 2016. Orientação de outra natureza. (Museologia) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

4.
Ariana Oliveira Gonçalves. Cultura, História e Memória: Educação Patrimonial em Cachoeira do Campo. 2012. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

5.
Marcella Rocha dos Reis. Cultura, História e Memória: Educação Patrimonial em Cachoeira do Campo. 2012. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

6.
Walber Martins de Aquino. Cultura, História e Memória: Educação Patrimonial em Cachoeira do Campo. 2012. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

7.
Camila Sayuri Sasaki. Digitalização de Monografias e apoio à organização de eventos cientîficos. 2011. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Pró-Reitoria de Graduação/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

8.
Lucas Villela. Monitoria de História da Cultura. 2011. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Pró-Reitoria de Graduação/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

9.
Renata de Cássia Alves Pinto. Apoio ao Centro Cultural de Cachoeira do Campo. 2010. Orientação de outra natureza. (Arquitetura) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

10.
Luciano Nazaré de Almeida. As Paróquias Rurais do Termo de Vila Rica: um estudo da formação social das primeiras freguesias do Século XVIII. 2010. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maria do Carmo Pires.

11.
Laís Rocha Vale. Apoio ao Centro Cultural de Cachoeira do Campo. 2010. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

12.
Erica Eunice Briant. Reestruturação do Núcleo de Pesquisa e Extensão. 2010. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Pró-Reitoria de Graduação/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

13.
José Geraldo de Rezende. Reestruturação do Núcleo de Pesquisa e Extensão. 2009. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, Pró-Reitoria de Graduação/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

14.
Laís Rocha Vale. Apoio ao Centro Cultural de Cachoeira do Campo. 2009. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

15.
Paula de Souza Batista. Apoio ao Centro Cultural de Cachoeira do Campo. 2009. Orientação de outra natureza. (Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto, PROEX/UFOP. Orientador: Maria do Carmo Pires.

16.
Gustavo Bianch Silva. Construção do conhecimento histórico com alunos e professores da rede pública. 2007. Orientação de outra natureza. (História) - Universidade Federal de Viçosa, Pró-reitoria de extensão da UFV. Orientador: Maria do Carmo Pires.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/10/2018 às 22:58:32