Álvaro de Vita

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1D

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5677391042796589
  • Última atualização do currículo em 11/12/2018


Possui graduação em Ciências Sociais pela Universidade de São Paulo (1981), mestrado em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (1992), doutorado em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (1998), pós-doutorado na Columbia University (2001-2002) e livre-docência na Universidade de São Paulo (2006). Atualmente é professor titular de Ciência Política da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Ciência Política, com ênfase em Teoria Política Contemporânea, e, em especial, em teoria política normativa, atuando principalmente nos seguintes temas: justiça social, tolerância, teoria democrática e justiça internacional. Foi chefe do Departamento de Ciência Política da USP de 2006 a 2010 e de 2014 a 2018. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Álvaro de Vita
Nome em citações bibliográficas
VITA, Á.;De Vita, Álvaro;de Vita, Álvaro;VITA, ÁLVARO DE

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Ciência Política.
Av. Luciano Gualberto, 315, 2o. andar, sala 2047
Cidade Universitária
05508-900 - Sao Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30312269
Fax: (11) 30312269
URL da Homepage: http://


Formação acadêmica/titulação


1993 - 1998
Doutorado em Ciência Política.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: A justiça igualitária e seus críticos, Ano de obtenção: 1998.
Orientador: Gabriel Cohn.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Justiça social; neocontratualismo; libertarianismo; utilitarismo; democracia; tolerância.
Grande área: Ciências Humanas
1989 - 1992
Mestrado em Ciência Política.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Justiça liberal,Ano de Obtenção: 1992.
Orientador: Gabriel Cohn.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Justiça; liberalismo kantiano; democracia; Rawls; comunitarismo.
1976 - 1981
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.


Pós-doutorado e Livre-docência


2006
Livre-docência.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: O liberalismo igualitário em perspectiva doméstica e internacional, Ano de obtenção: 2006.
Palavras-chave: liberalismo igualitário; Justiça; democracia; direitos humanos; multiculturalismo; justiça distributiva internacional.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Teoria Política / Especialidade: Teoria Política Contemporânea.
2001 - 2002
Pós-Doutorado.
Columbia University, COLUMBIA, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - Atual
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Professor Doutor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/2006 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
2003 - Atual
Ensino, Ciência Política, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de Pesquisa; Teoria Contemporânea da Justiça.
04/1997 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Linhas de pesquisa
Teoria política normativa
1992 - Atual
Ensino, Ciência Política, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Política Moderna; Teoria Política Contemporânea; Seminários de Teoria Política Contemporânea; Teoria Política Normativa.
09/2002 - 10/2006
Direção e administração, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Coordenador de Programa.
08/2001 - 06/2002
Estágios , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Estágio realizado
.
02/1998 - 07/2001
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
.


Linhas de pesquisa


1.
Teoria política normativa

Objetivo: Converter em objeto privilegiado da sub-área de teoria política do Programa de Pós-graduação em Ciência Política da USP especialmente algumas das correntes teóricas que se situam na fronteira da disciplina, como as teorias da justiça e as várias vertentes de democracia deliberativa e de republicanismo..
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Justiça e democracia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Justiça Internacional.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Justiça; justiça internacional; democracia; tolerância; direitos humanos; Rawls.


Projetos de pesquisa


2005 - Atual
Justiça e Democracia
Descrição: Objetivos: A pesquisa tem por objetivo examinar a natureza social e política em uma sociedade democrática. Por um lado, serão examinados os princípios de justiça e, em particular, a noção de justiça distributiva, que melhor exprimem a idéia normativa que é central em uma sociedade democrática, a de igualdade de condições ou igualdade de status. Que concepção de justiça social é mais apropriada à realização da forma de igualdade com a qual deveríamos nos preocupar em uma sociedade democrática, isto é, uma sociedade constituída por cidadãos que se concebem e que são tratados pelas instituições básicas de sua sociedade como pessoas morais livres e iguais? De outro, serão examinadas as condições sob as quais se torne pelo menos mais provável que a democracia, agora entendida mais estritamente como um procedimento de tomada de decisões políticas e suas correspondentes instituições, garantia a forma de igualdade de status que, neste projeto, será entendida como o ideal normativo que é mais fundamental em uma sociedade democrática..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Álvaro de Vita - Coordenador.
2004 - Atual
Justiça Internacional
Descrição: Objetivos: A pesquisa tem por objetivo examinar os argumentos e evidências com base nos quais é possível defender a extensão de princípios liberal-igualitários de justiça para o âmbito internacional. Esse estudo pode ser dividido, para finalidades analíticas, em duas grandes áreas. Uma delas pode ser designada pelo termo "tolerância" e abrange os problemas de justiça política. Dada a diversidade de concepções do bem individual e coletivo e de tradições morais e religiosas, trata-se de saber como é possível fundar a sociedade internacional em princípios análogos aos direitos liberais clássicos (os direitos civis) e aos do governo democrático. A outra área abrange a distribuição de vantagens e as questões de pobreza e desigualdade socioeconômica em âmbito internacional "Justiça distributiva" é a denominação tradicional para isso. Uma melhor compreensão dos problemas atinentes a essas duas áreas é necessária à formulação de uma teoria dos direitos humanos que possa ser mais amplamente aceita do que é o caso. A teoria dos direitos humanos ainda enfrenta sérias objeções provenientes do relativismo cultural, no caso dos problemas pertinentes à tole^rância, e, no que se refere às questões de justiça distributiva, sérias dúvidas sobre quem tem a responsabilidade de garantir que todos tenham seus direitos econômicos e sociais respeitados. No seu horizonte de mais longo prazo, a pesquisa objetiva construir para a formulação de uma teoria dos direitos humanos mais sólida em seus fundamentos normativos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .
Integrantes: Álvaro de Vita - Coordenador.


Membro de corpo editorial


2016 - Atual
Periódico: Brazilian Political Science Review
2012 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Ciência Política
2003 - Atual
Periódico: Lua Nova. Revista de Cultura e Política


Revisor de projeto de fomento


2011 - Atual
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
2010 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
2004 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Teoria Política/Especialidade: Teoria Política Contemporânea.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Teoria Política.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende RazoavelmenteLê Bem.


Prêmios e títulos


2012
Prêmio Olavo Brasil de Lima Jr. de melhor artigo em Ciência Política e Relações Internacionais, abril de 2010-março de 2012, Associação Brasileira de Ciência Política (ABCP).


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
VITA, ÁLVARO DE2017VITA, ÁLVARO DE. TEORIA POLÍTICA NORMATIVA E JUSTIÇA RAWLSIANA. Lua Nova (Impresso), v. 102, p. 93-135, 2017.

2.
VITA, Á.2014VITA, Á.. Critical theory and social justice. Brazilian Political Science Review, v. 8, p. 109-126, 2014.

3.
VITA, Á.2014VITA, Á.. La justicia internacional entre el humanitarismo y el igualitarismo global. ANDAMIOS, v. XI, p. 13-49, 2014.

4.
De Vita, Álvaro2013 De Vita, Álvaro. Liberalism, Social Justice, and Individual Responsibility. World Political Science Review, v. 8, p. 297-329, 2013.

5.
VITA, Á.2011 VITA, Á.. Liberalismo, justiça social e responsabilidade individual. Dados (Rio de Janeiro. Impresso), v. 54, p. 569-608, 2011.

6.
VITA, Á.2009VITA, Á.. Sociedade democrática e tolerância liberal. Novos Estudos CEBRAP (Impresso), v. 84, p. 61-81, 2009.

7.
VITA, Á.2007VITA, Á.. Sociedade democrática e democracia política. Politica & Sociedade, v. 6, p. 159-182, 2007.

8.
VITA, Á.2004VITA, Á.. Moral Reasoning and Political Deliberation.. Rivista Internazionale Di Filosofia Del Diritto (Quaderni Della Rivista Internazionale Di Filosofia Del Diritto), Giuffrè Editore, Milano, v. 4, p. 103-127, 2004.

9.
VITA, Á.2004VITA, Á.. A necessária frugalidade de princípios de justiça. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ), Rio de Janeiro, v. 20, n.5, p. 1149-1151, 2004.

10.
VITA, Á.2003VITA, Á.. Democracia deliberativa ou igualdade eqüitativa de oportunidades?. Novos Estudos CEBRAP (Impresso), São Paulo, v. 66, p. 111-128, 2003.

11.
VITA, Á.2002VITA, Á.. Liberalismo igualitário e multiculturalismo. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 55-56, p. 5-27, 2002.

12.
VITA, Á.2000VITA, Á.. Democracia e Justiça. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 50, p. 5-23, 2000.

13.
VITA, Á.2000VITA, Á.. Individual Preferences and Social Justice. Brazilian Review of Social Sciences, São Paulo, v. 1, p. 95-109, 2000.

14.
VITA, Á.1999VITA, Á.. Uma concepção liberal-igualitária de justiça distributiva. Revista Brasileira de Ciências Sociais, São Paulo, v. 14, n.39, p. 41-59, 1999.

15.
VITA, Á.1999VITA, Á.. Ética política e mal-estar na sociedade. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, v. 13, n.3-4, p. 3-10, 1999.

16.
VITA, Á.1999VITA, Á.. Justiça distributiva: a crítica de Sen a Rawls. Dados (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. 43, n.3, p. 471-496, 1999.

17.
VITA, Á.1998VITA, Á.. El contractualismo rawlsiano en cuestión. Cuadernos Del Claeh, Montevidéu, v. 23, n.81-82, p. 47-60, 1998.

18.
VITA, Á.1998VITA, Á.. Dois tipos de ceticismo moral. Novos Estudos. CEBRAP, São Paulo, v. 55, n.55, p. 143-156, 1998.

19.
VITA, Á.1997VITA, Á.. Pluralismo moral e acordo razoável. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 39, n.39, p. 125-148, 1997.

20.
VITA, Á.1995VITA, Á.. Preferências individuais e justiça social. Revista Brasileira de Ciências Sociais, São Paulo, v. 10, n.29, p. 159-174, 1995.

21.
VITA, Á.1994VITA, Á.. Como entender 'mais ética na política'?. Opinião Pública (UNICAMP), Campinas, v. II, n.1, p. 321-325, 1994.

22.
VITA, Á.1993VITA, Á.. O lugar dos direitos na moralidade política. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 30, n.30, p. 5-34, 1993.

23.
VITA, Á.1992VITA, Á.. A tarefa prática da filosofia política em John Rawls. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 25, n.25, p. 5-25, 1992.

24.
VITA, Á.1991VITA, Á.; VITA, Á. . Vontade coletiva e pluralidade: uma convivência possível?. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 23, n.23, p. 211-231, 1991.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
GURZA LAVALLE, A. (Org.) ; VITA, Á. (Org.) ; ARAUJO, C. (Org.) . O papel da teoria política contemporânea. Justiça, constituição, democracia e representação. 1. ed. São Paulo: Alameda Editorial, 2015. v. 1. 452p .

2.
VITA, Á.. O liberalismo igualitário: sociedade democrática e justiça internacional. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2008. v. 1. 332p .

3.
VITA, Á.. A justiça igualitária e seus críticos. 2a.. ed. São Paulo: Martins Fones, 2007. v. 1. 304p .

4.
Tostes, Ana P. (Org.) ; VITA, Á. (Org.) . Justiça e processos democáticos transnacionais. São Paulo: Associação Editorial Humanitas, 2005. v. 1. 284p .

5.
VITA, Á.; BORON, A. A. (Org.) . Teoria e filosofia política. São Paulo: Edusp/Clacso, 2004. v. 1. 265p .

6.
VITA, Á.. Teoría y Filosofía Política. Buenos Aires: CLACSO, 2002. v. 1.

7.
VITA, Á.. A justiça igualitária e seus críticos. 1a.. ed. São Paulo: Editora Unesp, 2000. v. 1. 308p .

8.
VITA, Á.. Sociologia da sociedade brasileira. 7. ed. São Paulo: Editora Ática, 1998. v. 1. 279p .

9.
VITA, Á.. Justiça liberal. Argumentos liberais contra o neoliberalismo. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1993. v. 1. 131p .

10.
VITA, Á.. Nossa Constituição. 2. ed. São Paulo: SP, 1991. v. 1. 262p .

Capítulos de livros publicados
1.
VITA, Á.. Justiça e igualdade. In: Miguel, L. F.; Biroli, F.. (Org.). Encruzilhadas da democracia. 1a.ed.Porto Alegre: Editora Zouk, 2017, v. 1, p. 125-145.

2.
VITA, Á.. Justicia distributiva. In: Carlos Pereda. (Org.). Diccionario de Justicia. 1ed.Cidade do México: Siglo Veintiuno, 2017, v. 01, p. 276-281.

3.
VITA, Á.. A justiça internacional entre o humanitarismo e o igualitarismo global. In: Gurza Lavalle, A.; Vita, Á.; Araujo, C.. (Org.). O papel da teoria política contemporânea. Justiça, democracia e representação. 1ed.São Paulo: Alameda Editorial, 2015, v. 1, p. 45-74.

4.
VITA, Á.. Liberalismo contemporâneo. In: Filgueiras, F; Starling, H.; Guimarães, J; Avritzer, L; Bignoto, N.. (Org.). Dimensões políticas da justiça. 1a,ed.Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2013, v. , p. 55-65.

5.
VITA, Á.. Liberalismo, justiça social e responsabilidade individual. In: Pinzani, A; Tonetto, M.. (Org.). Teoria crítica e justiça social. Critrical Theory and Social Justice. 1a.ed.Florianópolis: Nefionline, 2012, v. , p. 29-75.

6.
VITA, Á.. Justiça e parcialidade nacional. In: Araujo, Cicero; Amadeo, Javier. (Org.). Teoria política latino-americana. 1ed.São Paulo: Hucitec, 2009, v. , p. 247-255.

7.
VITA, Á.. Apresentação à edição brasileira. Uma teoria da justiça. 3a.ed.São Paulo: Martins Fontes, 2008, v. , p. 11-33.

8.
VITA, Á.. Liberalismo. In: Leonardo Avritzer; Newton Bignotto; Juarez Guimarães; Heloísa Maria Murgel Starling. (Org.). Corrupção. Ensaios e Críticas. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2008, v. 1, p. 93-102.

9.
VITA, Á.. Progresso moral. In: Waizbort, Leopoldo. (Org.). A ousadia crítica. Ensaios para Gabriel Cohn. 2ed.Rio de Janeiro: Beco do Azougue Editorial, 2008, v. , p. 367-384.

10.
VITA, Á.. Inequality and Poverty in Global Perspective. In: Pogge, Thomas. (Org.). Freedom From Poverty as a Human Right. Who Owes What to the Very Poor?. Oxford: Oxford University Press, 2007, v. , p. 103-132.

11.
VITA, Á.. O que há de errado com o utilitarismo de preferências?. In: Maria Cecília Maringoni de Carvalhao. (Org.). O utilitarismo em foco. Um encontro entre seus proponentes e críticos. Florianópolis: Editora da UFSC, 2007, v. , p. 201-231.

12.
VITA, Á.. Argumentación moral y deliberación política.. In: Claudio Amor. (Org.). Rawls Post-Rawls. Buenos Aires: Editorial de la Universidad Nacionall de Quilmes / Prometeo, 2006, v. , p. 29-52.

13.
VITA, Á.. A teoria de Rawls da justiça internacional. In: Atílio A. Boron. (Org.). Filosofia política contemporânea. Controvérsias sobre civilização, império e cidadania. Buenos Aires: CLACSO, 2006, v. , p. 239-256.

14.
VITA, Á.. Desigualdade e pobreza sob uma perspectiva global. In: Toste, Ana P.; Vita, Á.. (Org.). Justiça e processos democáticos transnacionais. São Paulo: Associação Editorial Humanitas, 2005, v. , p. 61-122.

15.
VITA, Á.. Democracia deliberativa ou igualdade eqüitativa de oportunidades?. In: Vera Schattan P. Coelho; Marcos Nobre. (Org.). Participação e deliberação. Teoria democrática e experiências institucionais no Brasil contemporâneo. São Paulo: Editora 34, 2004, v. , p. -.

16.
VITA, Á.. Democracia e justiça. In: Vita, A. de; Boron, Boron, Atilio A.. (Org.). Teoria e filosofia política. A recuperação dos clássicos no debate |Latino-americano. São Paulo: Edusp, 2004, v. , p. 77-94.

17.
VITA, Á.. Rawls's Theory of International Justice. In: Ricardo B. di Napoli, Noeli Rossatto e Marcelo Fabri. (Org.). Ética e justiça. Santa Maria, RS: Palloti-CNPq, 2003, v. , p. 153-167.

18.
VITA, Á.. La teoría de Rawls de la justicia internacional. In: Atilio A. Boron. (Org.). Filosofía Política Contemporánea. Controversias sobre civilización, imperio y ciudadanía. Buenos Aires: Clacso, 2003, v. , p. 221-238.

19.
VITA, Á.. Democracia y justicia. In: Álvaro de Vita; Atilio A. Boron. (Org.). Teoría y Filosofía Política. Buenos Aires: CLACSO, 2002, v. 1, p. 77-94.

20.
VITA, Á.. Justiça e diferença: a tolerância liberal. In: Jessé Souza. (Org.). Democracia hoje: novos desafios para a teoria democrática contemporânea. Brasília: Editora UnB, 2001, v. 1, p. 415-440.

21.
VITA, Á.. Progresso Moral. In: Álvaro de Vita. (Org.). A ousadia crítica. Ensaios para Gabriel Cohn.. Londrina: Editora UEL, 1998, v. 1, p. 311-328.

22.
VITA, Á.. Duas Interpretações de motivação moral.. In: Sonia Felipe. (Org.). Justiça como equidade. Fundamentação e interlocuções polêmicas.. Santa Catarina: Editora Insular-Núcleo de Estudo de Ética e Filosofia Política., 1998, v. , p. 59-69.

23.
VITA, Á.. Direito e moralidade política liberal. In: Associação dos Magistrados Brasileiros. (Org.). Justiça: promessa e realidade. 1a.ed.Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1996, v. , p. 295-323.

24.
VITA, Á.. Liberdade individual e direitos morais. In: Ferreira, Oliveiros. (Org.). Liberdade, ensaios. 1ed.São Paulo: Aleph, 1992, v. , p. 18-.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
VITA, ÁLVARO DE. Por que uma teoria ideal da justiça?. In: 11o. Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política (ABCP), 2018, Curitiba-PR. Anais do 11o. Encontro da ABCP, 2018.

2.
VITA, Á.. Justiça global e direitos humanos. In: 10o. Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política, 2016, Belo Horizonte. Justiça global e direitos humanos, 2016.

3.
VITA, Á.. Rawls's Theory of International Justice. In: Colóquio sobre Ética e Justiça, 2003, Santa Maria, RS. Ética e justiça. Santa Maria: Palloti/CNPq, 2003. p. 153-168.

4.
VITA, Á.. "Rawls´s Theory of International Justice". In: Colóquio Nacional sobre Éitca e Justiça, 2003, Santa Maria, RS. Ética e justiça. Santa Maria, RS: Palloti, 2003. p. 153-168.

5.
VITA, Á.. Are Rawlsian Democracy and Justice Compatible?. In: Simpósio Internacional 'Ética e o Futuro da Democracia', 1998, Lisboa. Ética e o futuro da democracia/Ethics and the Future of Democracy. Lisboa: Edições Colibri/Sociedade Portuguesa de Filosofia, 1994. p. 309-318.

6.
VITA, Á.. Duas interpretações da motivação moral. In: Simpósio Internacional sobre a Justiça, 1998, Florianópolis. Justiça como eqüidade. Fundamentação e interlocuções polêmicas. Florianópolis: Editora Insular/Núcleo de Estudos em Ética e Filosofia Política, UFSC, 1997. p. 59-69.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
VITA, Á.. Os fundamentos normativos da justiça distributiva internacional. In: 28o. Encontro Anual da Anpocs 2004, 2004, Caxambu-MG. 28o. Encontro Anual da Anpocs.

2.
VITA, Á.. Uma resposta liberal-igualitária à crítica multiculturalista. In: XXVI Encontro Anual, 2002, Caxambu, MG. XXVI Encontro Anual da Anpocs. Programa e resumos. São Paulo: Anpocs, 2002.

3.
VITA, Á.. Democracia e justiça. In: 24o Encontro Anual da Anpocs, 2000, Petrópolis. Anpocs. Programas e resumos. São Paulo: Anpocs, 2000.

4.
VITA, Á.. Justiça distributiva: o enfoque normativo de Sen. In: 23o. Encontro Anual da Anpocs, 1999, Caxambu-MG. 23o. Encontro Anual da Anpocs. Programas e resumos. São Paulo: Anpocs, 1999.

5.
VITA, Á.. Uma concepção liberal-igualitária de justiça distributiva. In: XXII Encontro Anual da Anpocs, 1998, Caxambu-MG. XXII Encontro Anual da Anpocs. Programas e resumos. São Paulo: Anpocs, 1998.

6.
VITA, Á.. Dois tipos de ceticismo moral. In: Primeiro Encontro Nacional da Associação Brasileira de Ciência Política, 1998, Rio de Janeiro, 1998.

7.
VITA, Á.. O contratualismo rawlsiano em questão. In: Teoria de la justicia: 25 años después, 1996, Montevidéu, 1996.

8.
VITA, Á.. Os apologistas do mercado. In: XX Encontro Anual da Anpocs, 1996, Caxambu-MG. XX Encontro Anpocs 1996. Programas e resumos. São Paulo: Anpocs, 1996.

9.
VITA, Á.. Preferências individuais e justiça social. In: 18o. Encontro Anual da Anpocs, 1994, Caxambu-mG. 18o. Encontro Anual. Programas e resumos. São Paulo: Anpocs, 1994.

Apresentações de Trabalho
1.
de Vita, Álvaro. Justiça e igualdade. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
VITA, Á.. Justiça e igualdade. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
de Vita, Álvaro. Religião, tolerância e razão pública. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
VITA, Á.. Dworkin sobre justiça distributiva e responsabilidade individual. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
VITA, Á.. A justiça internacional entre o humanitarismo e o igualitarismo global. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
VITA, Á.. A justiça internacional entre o humanitarismo e o igualitarismo global. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
VITA, Á.. A justiça internacional entre o humanitarismo e o igualitarismo global. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
VITA, Á.. A forma da República: da Constituição mista ao Estado. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
VITA, Á.. 'Liberalismo, justiça social e responsabilidade individual'. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

10.
VITA, Á.. Liberalismo igualitário e justiça social. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
VITA, Á.. Liberalismo e justiça social em Rawls. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
VITA, Á.. Justiça distributiva internacional e nacionalidade. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
VITA, Á.. Normatividade, sociologia e história na teoria política. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
VITA, Á.. Democracia liberal, diferenças culturais e justiça internacional. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
VITA, Á.. Cosmpolitismo político e cosmopolitismo moral. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

16.
VITA, Á.. Sociedade democrática e democracia política. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
VITA, Á.. Igualdade de Recursos ou Igualdade de Capacidades?. 2000. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

18.
VITA, Á.. Democracia e Justiça. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
VITA, Á.. John Rawls. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
VITA, Á.. A Justiça Igualitária e seus Críticos.. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
VITA, Á.. Justiça Distributiva: a crítica de Sen a Rawls.. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
VITA, Á.. A Teoria da Justiça de John Rawls. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

23.
VITA, Á.. Justiça e Diferença: a tolerância liberal. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

24.
VITA, Á.. A teoria da moralidade por acordo de David Gauthier.. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

25.
VITA, Á.. Justiça e diferença: a tolerância liberal.. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

26.
VITA, Á.. Uma Concepção liberal-igualitária de justiça distributiva.. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

27.
VITA, Á.. Dois Tipos de Ceticismo Moral.. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

28.
VITA, Á.. A Teoria da Justiça de John Rawls. 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

29.
VITA, Á.. A Teoria da Moralidade por Acordo de David Gauthier.. 1988. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
VITA, Á.. O liberalismo político. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2011. (Tradução/Livro).

2.
VITA, Á.. Prefácio. São Paulo, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

3.
VITA, Á.. Uma breve história da justiça distributiva. São Paulo: Martins Fontes, 2006. (Tradução/Livro).

4.
VITA, Á.. Justiça como eqüidade: uma reformulação. São Paulo: Martins Fontes, 2003. (Tradução/Livro).

5.
VITA, Á.. A desarmonia da democracia. São Paulo: Tec Art Editora/Cedec, 1995. (Tradução/Artigo).

6.
VITA, Á.. Capitalismo de renda básica. São Paulo: Tec Arte Editora/Cedec, 1994. (Tradução/Artigo).

7.
VITA, Á.. Democracia presidencialista multipartidária: o caso do Brasil. São Paulo: Marco Zero/Lua Nova, 1993. (Tradução/Artigo).

8.
VITA, Á.. Qualidade de vida e desenvolvimento: o enfoque normativo de Sen e Nussbaum. São Paulo: Tec Art Editora/Cedec, 1993. (Tradução/Artigo).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
VITA, Á.. Parecerista ad hoc da SciELO - Scientific Electronic Library Online. 2012.

2.
VITA, Á.. Parecerista ad hoc do CNPq. 2012.

3.
VITA, Á.. Parecerista ad hoc da CAPES. 2012.

4.
VITA, Á.. Parecerista ad hoc do CNPq. 2011.

5.
VITA, Á.. Parecerista ad hoc da CAPES. 2011.

6.
VITA, Á.. Parecerista ad hoc da FAPESP. 2010.

7.
VITA, Á.. Parecerista ad hoc da FAPESP. 2009.

8.
VITA, Á.. Assessor ad hoc da Capes.. 2003.

9.
VITA, Á.. Assessor ad hoc da Fapesp.. 2003.

10.
VITA, Á.. Assessor ad hoc da Funcitec (Fundação de Ciência e Tecnologia do estado de Santa Catarina). 2003.

11.
VITA, Á.. Membro do Conselho Editorial da revista Lua Nova. 2003.

12.
VITA, Á.. Membro do Conselho Editorial da Revista Lua Nova.. 2000.

13.
VITA, Á.. Organização da Primeira Jornada de Teoria Política.. 2000.

14.
VITA, Á.. Consultor Científico da Fundação CAPES,. 1999.

15.
VITA, Á.. Membro da Associação Brasileira de Ciência Política.. 1999.

16.
VITA, Á.. Membro do Conselho Editorial da Revista Lua Nova.. 1998.

Trabalhos técnicos
1.
VITA, Á.. Coordenador de Pós-Graduação do DCP - USP. 2003.

2.
VITA, Á.. Sócio da Associação Brasileira de Ciência Política.. 2003.

3.
VITA, Á.. Membro da Associação Brasileira de Ciência Política. 2000.

4.
VITA, Á.. Vice-Coordenador de Pós-Graduação do Departamento de Ciência Política. 1998.


Demais tipos de produção técnica
1.
VITA, Á.. Teorias Contemporâneas da Justiça.. 1999. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Projetos de Pesquisa).

2.
VITA, Á.. Teoria Política Normativa.. 1999. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Projetos de Pesquisa).

3.
VITA, Á.. Teoria Contemporânea da Justiça.. 1998. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Projetos de Pesquisa).

Demais trabalhos
1.
VITA, Á.. Representante do Departamento junto à Comissão de Pós-Graduação. 2001 (Representante) .

2.
VITA, Á.. Consultor ad hoc da CAPES. 1999 (Representante) .

3.
VITA, Á.. Consultor ad hoc da FAPESP. 1999 (Consultoria) .

4.
VITA, Á.. Representante do Departamento de Ciência Política na Comissão de Pesquisa da FFLCH-USP. 1997 (Representante) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
ARAÚJO, Cicero Romão Resende de; VITA, Á.; WERLE, D.. Participação em banca de Flávia Silva Scabin. A prioridade do direito sobre o bem: uma leitura de Justiça como imparcialidade de Brian Barry. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

2.
VITA, Á.; NOBRE, Marcos Severino; COHN, Gabriel. Participação em banca de Raphael Cezar da Silva Neves. Reconhecimento, multiculturalismo e direitos - contribuição do debate feminista a uma teoria crítica da sociedade.. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

3.
VITA, Á.; ARAÚJO, Cicero Romão Resende de; KOERNER, Andrei. Participação em banca de Charles Kirschbaum. John Rawls: justiça imparcial e seus limites.. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

4.
VITA, Á.; MENDES, V.; VILLA, R.. Participação em banca de Celina Lagrutta. Participação e competição na teoria democrática: em busca de um campo de confluência. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

5.
VITA, Á.; MENDES, C. H.. Participação em banca de Conrado Hubner Mendes. Controle da Constitucionalidade e democracia.. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

6.
VITA, Á.; SOARES, M. V.. Participação em banca de Mauro Victoria Soares. Teoria competitiva da democracia. Processo e substância.. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

7.
VITA, Á.; ARAÚJO, D.. Participação em banca de Daniel Araújo. Pobreza e desigualdade: uma análise sob a perspectiva da moralidade política.. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

8.
VITA, Á.; SILVA, J. C. C. B.. Participação em banca de Júlio César Casarin Barroso Silva. Liberalismo: afirmação e contenção da liberdade.. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

9.
VITA, Á.; LAGRUTA, C.. Participação em banca de Celina Lagruta. Participação, competição e redistribuição na teoria democrática. Em busca de um campo de confluência.. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
ARAÚJO, Cicero Romão Resende de; VITA, Á.; Brandão, Gildo Marçal; Peluso, Luís Alberto; CARVALHO, M. C. M.. Participação em banca de Rogério Antonio Picoli. Sobre o governo em Jeremy Bentham: o risco das partes e o traçado do todo. 2007. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

2.
VITA, Á.; COHN, Gabriel; Oliveira, Nythamar de; Boeira, Nelson; Pinzani, Alessandro. Participação em banca de Hélio Ricardo do Couto Alves. Obrigação política e cooperação. 2007. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

3.
BARZOTTO, L. F.; VITA, Á.; OLIVEIRA JÚNIOR, J. A.; NEDEL, J.; OLIVEIRA, R. V. de. Participação em banca de Voltaire de Freitas Michel. O Princípio da Diferença e o kantismo na teoria da justiça de John Rawls. 2007. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

4.
VITA, Á.; SARTOR, V. V. N.; Felipe, Sônia. Participação em banca de Vicente Volnei De Nona Sartor. Justiça Intergeracional e a tradição política brasileira A legislação e a política das águas no Brasil à luz da teoria de Rawls. 2001 - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
VITA, Á.; KUNTZ, Rolf Nelson; SILVA, Franklin Leopoldo e; LEITE, Luiz Bernardo; PEGORARO, Olinto Antonio. Participação em banca de Luiz Paulo Rouanet. O enigma e o espelho: uma análise dos discursos sobre a paz de Erasmo e Rawls.. 2000. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

6.
VITA, Á.; BONELLA, A. E.. Participação em banca de Alcino Eduardo Bonella. Justiça como imparcialidade e contratualismo. 2000. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Católica de Pernambuco.

Qualificações de Doutorado
1.
VITA, Á.; BONELLA, A. E.. Participação em banca de Alcino Eduardo Bonella. Justiça como imparcialidade e contratualismo.. 1999. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Professor titular
1.
VITA, Á.; ARAÚJO, Cicero Romão Resende de; NICOLAU, J.; BOSCH, R.; DURAND, M. R. L.. Estado, Instituições e Políticas Públicas. 2013.

Concurso público
1.
ONUSIC, L. M.; SILVA, J. C. C. B.; LEAL, F. A. R.; DURAN, C. V.; BUSTAMANTE, T. R.; VITA, Á.. Banca Examinadora do Concurso de Professor Adjunto A, UNIFESP, Campus Osasco. 2017. Universidade Federal de São Paulo.

2.
ALMEIDA, M. H. Tavares de; VITA, Á.; SILVA, L. Virgílio Afonso da; CELLI Junior, U.; RAMOS, A. C.. Concurso de provimento de cargo de Professor Doutor. 2009. Universidade de São Paulo.

3.
COLLI, W.; VITA, Á.; VIERA, O. V.; DALLARI, P.; NASSER, S.. Provimento de cargo de Professor Doutor. 2008. Instituto de Relações Internacionais da USP.

4.
VITA, Á.. Concurso público para provimento de cargo de professor-doutor no Departamento de Ciência Política da USP. 2006. Universidade de São Paulo.

5.
Brandão, Gildo Marçal; VITA, Á.; Jasmin, Marcelo. Concurso público para provimento de cargo de professor-doutor no Departamento de Ciência Política da USP. 2005.

6.
VITA, Á.. Concurso público para provimento de cargo de professor-doutor no Departamento de Ciência Política da USP. 2005.

7.
VITA, Á.; VILLA, R.. Concurso público para provimento de cargo de professor-doutor no Departamento de Ciência Política da USP. 2004. Universidade de São Paulo.

8.
VITA, Á.. Contratação de docentes para o DCP - USP.. 2003. Universidade de São Paulo.

9.
VITA, Á.; Terra, Ricardo; Waizbort, Leopoldo. Contratação de docentes. 2002. Universidade de São Paulo.

Livre docência
1.
ALMEIDA, M. H. T.; DALLARI, P. B. A.; VIGEVANI, T.; MEDEIROS, M. A.; VITA, Á.. Concurso público de provas e títulos. 2011. Universidade de São Paulo.

Avaliação de cursos
1.
Avritzer, Leonardo; Herz, Mônica; VITA, Á.; Boschi, Renato; Meneguello, Rachel; Viola, Eduardo; Alves, Suzana; Melo, Marcus André. Comitê da Área de Ciência Política da Avaliação Trienal da CAPES. 2007.

2.
VITA, Á.. Acompanhamento Anual dos Programas de Pós-Graduação da Área de Ciência Política. 2006. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

3.
VITA, Á.. Avaliação Anual dos Programas de Pós-Graduação da Área de Ciência Política. 2005. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

Outras participações
1.
VITA, Á.. Comissão Julgadora do Prêmio "Olavo Brasil de Lima Jr.", da Associação Brasileira de Ciência Política. 2006. Associação Brasileira de Ciência Política.

2.
VITA, Á.. Júri do Concurso de Dissertações e Teses da ANPOCS. 2006. Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais.

3.
VITA, Á.. Júri do Concurso de Dissertações e Teses CNPq-ANPOCS. 2005. Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
10o. Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política. Justiça global e direitos humanos. 2016. (Congresso).

2.
Desigualdades: pensando o conceito (Centro de Estudos da Metrópole).Justiça e igualdade. 2016. (Seminário).

3.
III Simpósio Nacional sobre Democracia e desigualdades. Justiça e igualdade. 2016. (Congresso).

4.
39o. Encontro Anual da ANPOCS. Mesa Redonda. 2015. (Congresso).

5.
IPSA-USP Summer School 2015.Comments on Herlinde Pauer-Studer's Lecture. 2015. (Outra).

6.
V Seminário Discente do Programa de Pós-Graduação em Ciência Política da USP.Debates contemporâneos na teoria política normativa. 2015. (Seminário).

7.
Dilemas atuais do debate no espaço público.Desobediência civil e tolerância. 2014. (Simpósio).

8.
IV Seminário Discente da Pós-Graduação do Departamento de Ciência Política da USP.Temas de teoria política contemporânea. 2014. (Seminário).

9.
III Seminário Discente da Pós-Graduação do Departamento de Ciência Política da USP.Horizontes da teoria política contemporânea. 2013. (Seminário).

10.
8o. Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política. A justiça internacional entre o humanitarismo e o igualitarismo global. 2012. (Congresso).

11.
II Colóquio Internacional de Teoria Política. Teoria Política Contemporânea.A justiça internacional entre o humanitarismo e o igualitarismo global. 2012. (Simpósio).

12.
II Seminário Discente da Pós-Graduação.Justiça internacional e direitos humanos. 2012. (Simpósio).

13.
II Seminário Discente da Pós-Graduação.Justiça e democracia. 2012. (Simpósio).

14.
IV Congresso Iberoamericano de Filosofía -- Filosofía en Diálogo. A justiça internacional entre o humanitarismo e o igualitarismo global. 2012. (Congresso).

15.
Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Ciência Política UFF.Liberalismo igualitário e justiça social. 2012. (Seminário).

16.
Seminário do Departamento (DCP-USP).A forma da República: da Constituição mista ao Estado. 2012. (Seminário).

17.
35o. Encontro Anual da ANPOCS. Liberalismo e justiça social. 2011. (Congresso).

18.
A atualidade de John Rawls -- 40 anos de Uma teoria da justiça.Liberalismo e justiça social em Rawls. 2011. (Encontro).

19.
Quinto Simpósio Internacional sobre Justiça. Teoria Crítica e justiça global.Liberalismo, justiça social e responsabilidade individual. 2011. (Simpósio).

20.
7o. Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política. Justiça distributiva internacional e nacionalidade. 2010. (Congresso).

21.
Curso de Teoria e Filosofia do Direito da Sociedade Brasileria de de Direito Público.Democracia e justiça. 2010. (Seminário).

22.
Curso de Teoria e Filosofia do Direito da Sociedade Brasileria de de Direito Público.Princípios de justiça. 2010. (Seminário).

23.
I Encontro WMF Martins Fontes de Filosofia do Direito."Igualdade e liberdade". 2010. (Encontro).

24.
XXXIV Encontro Anual da ANPOCS. Democracia, república e razão pública (coordenador da sessão). 2010. (Congresso).

25.
33o. Encontro Anual da ANPOCS. Democracia liberal, diferenças culturais e justiça internacional. 2009. (Congresso).

26.
I Congresso Internacional de Filosofia Moral e Política. Cosmopolitismo político e cosmopolitismo moral. 2009. (Congresso).

27.
Seminário da Área de Teoria Política do DCP-USP.Sociedade democrática e tolerância liberal. 2009. (Seminário).

28.
32o. Encontro Anual da Anpocs. Teoria política e legitimidade democrática (coordenador e debatedor da sessão). 2008. (Congresso).

29.
31o. Encontro Anual da ANPOCS. República, Constituição e justiça (Coordenador e debatedor da sessão). 2007. (Congresso).

30.
II Seminário Nacional "Movimentros sociais, participação e democracia".Sociedade democrática e democracia política. 2007. (Seminário).

31.
Seminários de Pesquisa do Núcleo de Apoio à Pesquisa em Estudos Interdisciplinares sobre o Negro Brasileiro o.Desigualdades arbitrárias e justiça distributiva. 2006. (Seminário).

32.
XXX Encontro Anual da Anpocs. Igualdade racial e modelo de nação. 2006. (Congresso).

33.
Jornadas Latino-americanas de teoria política: entre o nacional e o cosmpopolita. "Justiça internacional e parcialidade nacional". 2005. (Congresso).

34.
XXVIII Encontro da Anpocs. Fundamentos normativos da justiça distributiva internacional. 2004. (Congresso).

35.
Colóquio Nacional sobre Éitca e Justiça. Justiça internacional. Existe uma questão de justiça distributiva internacional?. 2003. (Congresso).

36.
I Simpósio USP - IUPERJ.Participação como debatedor no I Simpósio USP - IUPERJ de Pós- Graduação em Ciência Política.. 2003. (Simpósio).

37.
The Right to Global Justice: Poverty as a Violation of Human Rights.Inequality and Poverty in Global Pespective.. 2003. (Seminário).

38.
Segundas Jornadas de Teoría y Filosofía Política.Justiça distributiva internacional. 2002. (Simpósio).

39.
Primeira Jornada de Teoria Política.Democracia e justiça. 2000. (Simpósio).

40.
Seminário Internacional.Justiça e diferença: a tolerância liberal. 1998. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VITA, Á.; MENDES, C. H. ; PETRONI, L. ; VENTURA, R. W. ; SILVEIRA, M. P. L. . Ronald Dworkin: Direito, Ética e Política. 2014. (Congresso).

2.
LAVALLE, A. ; ARAÚJO, Cicero Romão Resende de ; VITA, Á. . II Colóquio Internacional de Teoria Política. Teoria Política Contemporânea. 2012. (Congresso).

3.
VITA, Á.; FERREIRA, Bernardo . Teoria política: instituição e ação política. 2010. (Congresso).

4.
VITA, Á.; FERREIRA, Bernardo . Teoria política: para além da democracia liberal?. 2009. (Congresso).

5.
VITA, Á.; FERREIRA, Bernardo . Teoria política: para além da democracia liberal?. 2008. (Congresso).

6.
VITA, Á.; FERREIRA, Bernardo . Seminário Temático "República, Constituição e Justiça". 2007. (Congresso).

7.
VITA, Á.; Barboza, Rubem ; Carvalho, Maria A. R. . Seminário Temático "O republicanismo e a questão da identidade, da comunidade e das políticas públicas". 2004. (Congresso).

8.
VITA, Á.. Democracia e Justiça. 2000. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Lilian Sendretti Rodrigues Macedo. Justiça tributária: eficiência ou equidade. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Pedro Ernesto Vicente de Castro. Justiça, bem e a natureza da moralidade política: a divergência entre Rawls e Dworkin. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Raissa Wihby Ventura. Quem é benvindo? Uma proposta normativa para a admissão e naturalização dos imigrantes. Início: 2014. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Lucas Cardoso Petroni. Igualdade democrática: uma defesa. Início: 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. (Orientador).

3.
Marcos Paulo de Lucca Silveira. Justiça distributiva e saúde: avaliando o que importa. Início: 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. (Orientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
Sebastián Rudas Neyra. Início: 2016. Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo.

Iniciação científica
1.
Caio Moraes Reis. O debate entre Sen e Rawls sobre justiça. Início: 2015. Iniciação científica (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Leonardo Barros da Silva Menezes. Em nome da tolerância: o papel da religião em sociedades democráticas liberais. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

2.
Mariana Ferrari de Oliveira. Meritocracia e responsabilidade individual no igualitarismo de John Rawls e Ronald Dworkin. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

3.
Raissa Wihby Ventura. O imigrante nas fronteiras da cidadania: uma análise dos limites normativos do ideal nacional. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

4.
Lucas Cardoso Petroni. Liberalismo político: uma defesa. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

5.
Thiago Nascimento da Silva. Procedimento e substância da democracia: qual o lugar da justiça social na teoria democrática?. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

6.
Claudia Alvarenga Marconi. Ética e política na Escola Inglesa das Relações Internacionais. 2009. 0 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

7.
Cristiane Rachel Pironi. Igualdade política e financiamento de campanhas eleitorais. 2009. 0 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Álvaro de Vita.

8.
Adele Mara Alves de Godoy. Intervenções humanitárias: o dilema entre ordem e justiça sob uma perspectiva normativa. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

9.
San Romanelli Assumpção. O ideal de tolerância sob uma ótica internacional. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Álvaro de Vita.

10.
Andres Sei Ichi Ueta. Intervenções humanitárias: um debate introdutório sobre as críticas e sobre as justificativas morais. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

11.
Ticiana Maldonado e Carvalho de Rezende. Direitos Humanos através de culturas: entre o universalismo e o relativismo. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

12.
Cintia Caneiro. Cultura política, opinião pública e legitimidade democrática no Brasil: de 1989 a 2000. 2005. 0 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Álvaro de Vita.

13.
Conrado Hubner Mendes. Controle da constitucionalidade e democracia. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

14.
Daniel Guimarães de Araujo. Pobreza e desigualdade: uma abordagem a partir da moralidade política. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

15.
Mauro Victoria Soares. Teoria competitiva da democracia. Processo e substância.. 2004. 0 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Álvaro de Vita.

16.
Celina Lagrutta. Participação e competição na teoria democrática. Em busca de um campo de confluência.. 2004. 0 f. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Álvaro de Vita.

17.
Júlio César Casarin Barroso Silva. Liberalismo: afirmação e contenção da liberdade. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

Tese de doutorado
1.
André Luiz da Silva. Tolerância inclusiva. 2015. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

2.
Renato Francisquini. Democracia, liberdade de expressão e o valor equitativo das liberdades comunicativas. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

3.
Cláudia Alvarenga Marconi. Um regime internacional para atrocidades: o Tribunal Penal Internacional e o conflito entre a justiça e a paz. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Álvaro de Vita.

4.
San Romanelli Assumpção. Gênero e justiça sob uma perspectiva cosmopolita. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

5.
Júlio César Casarin Barroso Silva. Democracia e liberdade de expressão. Contribuição para uma interpretação política da liberdade de palavra. 2009. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

6.
Mauro Victoria Soares. Democracia, deliberação e razão pública. Recomendações igualitárias para a democracia liberal. 2008. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Álvaro de Vita.

7.
Conrado Hubner Mendes. Direitos fundamentais, separação de poderes e deliberação. 2008. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Álvaro de Vita.

8.
Hélio Ricardo do Couto Alves. Obrigação política e cooperação. 2007. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Álvaro de Vita.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Ana Paula Tostes. 2007. Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Álvaro de Vita.

Iniciação científica
1.
Lilian Sendretti Rodrigues Macedo. O debate entre Rawls e Habermas: uma análise acerca dos limites entre as esferas pública e privada. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Álvaro de Vita.

2.
Rodrigo Brandão de Andrade e Silva. Enfoques normativos sobre justiça distributiva: uma análise das obras de John Rawls, Amartya Sen e Philippe Van Parijs. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

3.
Roberta K. Soromenho Nicolete. O associativismo civil em três perspectivas: Alexis de Tocqueville, Mancur Olson e Robert Putnam. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.

4.
San Romanelli Assumpção. Considerações sobre o ideal de justiça global em Kant e Rawls. 2004. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Álvaro de Vita.

5.
Sabrina Rogério Galvão. Desigualdade e pobreza. 2002. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Álvaro de Vita.



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
VITA, Á.. Sociologia da sociedade brasileira. 7. ed. São Paulo: Editora Ática, 1998. v. 1. 279p .

2.
VITA, Á.. Nossa Constituição. 2. ed. São Paulo: SP, 1991. v. 1. 262p .


Apresentações de Trabalho
1.
VITA, Á.. A forma da República: da Constituição mista ao Estado. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/12/2018 às 3:21:07