Eduardo da Motta e Albuquerque

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6966612518135380
  • Última atualização do currículo em 08/12/2018


Autor do livro AGENDA ROSDOLSKY (publicado pela Editora UFMG em 2012). Possui doutorado em Economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1998), que inclui um período sanduíche no SPRU (University of Sussex, UK) entre novembro de 1996 e outubro de 1997. Mestre em Economia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1995) e graduado em Economia pelo Centro Universitário Newton Paiva (1992). Pesquisador visitante no King's College, London, entre setembro de 2014 e agosto de 2015. Atualmente é professor titular do Departamento de Ciências Econômicas e do Cedeplar da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Atua em duas linhas de pesquisa: 1) Economia política contemporânea; 2) Economia da ciência e da tecnologia. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Eduardo da Motta e Albuquerque
Nome em citações bibliográficas
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Minas Gerais, Faculdade de Ciências Econômicas, Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional.
Av. Antonio Carlos 6627, Cedeplar-FACE Gabinete 3069
Pampulha
31270901 - Belo Horizonte, MG - Brasil
Telefone: (31) 34097076
Fax: (31) 34097203
URL da Homepage: http://www.cedeplar.ufmg.br/economia/docentes/albuquerque.html


Formação acadêmica/titulação


1995 - 1998
Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
com período sanduíche em University of Sussex (Orientador: Keith Pavitt).
Título: Patentes de invenção de residentes no Brasil (1980-1995): uma investigação sobre o papel dos direitos de propriedade intelectual na construção de um sistema nacional de inovação, Ano de obtenção: 1998.
Orientador: José Eduardo Cassiolato.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Estatisticas de Patentes; Sistemas Nacionais de Inovacao; Determinantes do Progresso Tecnologico.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
1993 - 1995
Mestrado em Economia.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Sistemas de inovação,acumulação científica nacional e o aproveitamento de janelas de oportunidade,Ano de Obtenção: 1995.
Orientador: João Antonio de Paula.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Progresso Tecnologico Em Paises Em Desenvolvimento; Sistemas Nacionais de Inovacao.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
1991 - 1992
Graduação em Ciências Econômicas.
Centro Universitário Newton Paiva, CNP, Brasil.
Título: O reposicionamento do trabalho.
Orientador: Antônio de Pádua Ubirajara e Silva.
1978 interrompida
Graduação interrompida em 1983 em Ciências Econômicas.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Disciplinas cursadas: carga horária de 810 horas.
Ano de interrupção: 1983
1974 interrompida
Graduação interrompida em 1979 em Medicina.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Curso realizado até o sétimo período (carga horária de 2.939 horas).
Ano de interrupção: 1979


Pós-doutorado


2014 - 2015
Pós-Doutorado.
King's College, London, KING'S COLLEGE, Inglaterra.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Teoria Econômica / Especialidade: Sistemas Econômicos.


Formação Complementar


1987 - 1987
Socio-econ. development and trade union education. (Carga horária: 240h).
International Institute for Research and Education, IIRE, Holanda.
1981 - 1982
Extensão universitária em Programação de Computadores III. (Carga horária: 222h).
Departamento de Ciências da Computação, DCC-UFMG, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Tese defendida: A AGENDA ROSDOLSKY. Concurso realizado nos dias 23 e 24 de agosto de 2010. Classificado em segundo lugar (DOU-3, 20/10/2010, p. 74; DOU-2, 12/09/2011, p. 21).

Vínculo institucional

2008 - 2011
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Relatório de Atividades Consubstanciado defendido em 13 de agosto de 2008.

Vínculo institucional

2000 - 2008
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Aprovado em concurso público de provas e títulos realizado nos dias 5 e 6 de outubro de 1999.

Vínculo institucional

1998 - 2000
Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: Pesquisador e Professor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsa de Recém-doutorado da FAPEMIG

Atividades

08/2018 - Atual
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Microeconomia IV (ECN212 TC)
Economia Política do Capitalismto Contemporâneo (ECN058 TC1)
Variedades de Capitalismo na Periferia (ECN063 TC)
08/2018 - Atual
Ensino, Relações Econômicas Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política do Capitalismo Contemporâneo (ECN098 TD5)
Variedades de Capitalismo na Periferia (ECN097 TD3)
08/2018 - Atual
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política do Capitalismo Contemporâneo (ECN960 A)
Variedades de Capitalismo na Periferia (ECN929 D)
04/2014 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, .

Cargo ou função
Membro da Congregação.
12/2011 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, Departamento de Ciências Econômicas.

Cargo ou função
Núcleo Docente Estruturante (NDE) do Curso de Graduação em Ciências Econômicas.
10/2011 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, Departamento de Ciências Econômicas.

Cargo ou função
Membro da Câmara Departamental.
08/1998 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Cedeplar-UFMG, .

08/1998 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Cedeplar-UFMG, .

03/2018 - 07/2018
Ensino, Relações Econômicas Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ciência, tecnologia e defesa (ECN 098 TD2)
03/2018 - 07/2018
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Microeconomia Evolucionária (ECN 956)
08/2017 - 12/2017
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Microeconomia IV (ECN212)
Revoluções tecnológicas e a dinâmica centro-periferia (ECN 010, TC3; ECN 098 TD3)
03/2017 - 07/2017
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Multinacionais e a Economia Global (ECN010)
Economia Politica (ECN055)
08/2016 - 02/2017
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Microeconomia IV (ECN212)
08/2016 - 02/2017
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Ciência e da Tecnologia (ECN978)
Tópicos Avançados em Economia Política (ECN`968)
03/2016 - 07/2016
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política (ECN 055)
História e Interpretações da Sociedade Contemporânea (ECN 215)
Leitura Dirigida em Teoria Econômica (ECN 207)
08/2015 - 12/2015
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
ECONOMIA POLÍTICA DO CAPITALISMO CONTEMPORÂNEO (ECN240 TAB)
HISTÓRIA E INTERPRETAÇÕES DA SOCIEDADE CONTEMPORÂNEA (ECN 215 TA)
08/2015 - 12/2015
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da ciência e da tecnologia (ECN 933)
02/2014 - 06/2014
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política do Capitalismo Contemporâneo (ECN 058)
Imperialismo e Economia Política Global (REI 019)
Economia Política (ECN 055)
08/2013 - 12/2013
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia e Sociedade (ECN 206) (30 horas)
Mercado Mundial e Multinacionais: uma abordagem a partir da lei do valor (ECN 063, REI 020) (30 horas)
08/2013 - 12/2013
Ensino, Relações Econômicas Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemas Econômicos Comparados (REI 007)
08/2013 - 12/2013
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Marx e as crises (ECN 929 Parte I)
Marx e as crises (ECN 929 Parte II)
10/2011 - 12/2013
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, .

Cargo ou função
Membro da Congregação.
03/2013 - 07/2013
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política do Capitalismo Contemporânea (ECN058 C)
03/2013 - 07/2013
Ensino, Relações Econômicas Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política do Capitalismo Contemporâneo (REI019 D2)
Economia Política (ECN055 D)
03/2013 - 07/2013
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política do Capitalismo Contemporâneo (ECN 933)
09/2012 - 02/2013
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Microeconomia IV (ECN212)
09/2012 - 02/2013
Ensino, Relações Econômicas Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemas Econômicos Comparados (REI007)
11/2006 - 12/2012
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, Departamento de Ciências Econômicas.

Cargo ou função
Representante (suplente) do Departamento de Ciências Econômicas junto ao Colegiado de Coordenação Didática do Curso de Ciências Econômicas.
03/2012 - 07/2012
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia e População nos totalitarismos: o nazismo e o stalinismo (ECN058 C)
Economia e Sociedade (ECN206)
Economia Política do Capitalismo Contemporâneo (ECN063 C3)
08/2011 - 12/2011
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia & Sociedade (ECN206)
Sistemas Econômicos Comparados (REI007 e ECN058A)
03/2011 - 07/2011
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia & Sociedade (ECN 206)
Estado e economia (ECN 058A)
03/2011 - 07/2011
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Estado e economia (ECN 929 I e ECN 929 II)
06/2009 - 06/2011
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, Departamento de Ciências Econômicas.

Cargo ou função
SUBCHEFE DE DEPARTAMENTO.
08/2010 - 12/2010
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia e Sociedade (ECN 206)
História do Pensamento Econômico (ECN)
História do Pensamento Econômico (REI)
07/2010 - 12/2010
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Ciência e da Tecnologia (I e II) (ECN 933C e 933D)
03/2010 - 07/2010
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia e Sociedade (ECN206)
Economia Poítica do Capitalismo Contemporâneo (ECN058 A)
03/2010 - 07/2010
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Política do Capitalismo Contemporâneo (ECN933 C, ECN933F)
08/2009 - 12/2009
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Economia Política e História Econômica: Crédito e sistema financeiro em Marx (ECN058 A1)
08/2009 - 12/2009
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Economia e Tecnologia: Economia da Ciência e da Tecnologia (ECN923)
03/2009 - 07/2009
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Crédito e sistema financeiro em Marx (ECN 010 Turma A1)
Industrializações Comparadas (ECN 010)
08/2008 - 12/2008
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Crédito e sistema financeiro em Marx (ECN 058A)
08/2008 - 12/2008
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Tecnologia
Economia Industrial
02/2008 - 07/2008
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Crédito e sistema financeiro em Marx (ECN058A) e Economia da ciência e da tecnologia (ECN010A)
09/2007 - 05/2008
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, .

Cargo ou função
Representante (suplente) dos Professores Adjuntos junto à Congregação da FACE-UFMG.
08/2007 - 12/2007
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Crédito e sistema financeiro no capitalismo contemporâneo: um esboço de interpretação a partir de Marx (ECN010 A)
Economia industrial (ECN 029)
03/2007 - 07/2007
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Capitalismo, socialismo e democracia hoje
Industrializações comparadas
02/2005 - 01/2007
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, Departamento de Ciências Econômicas.

Cargo ou função
Representante (suplente) dos Professores Adjuntos junto à Câmara Departamental de Ciências Econômicas.
08/2006 - 12/2006
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da Ciência e da Tecnologia
08/2006 - 12/2006
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Microeconomia Evolucionária
05/2006 - 07/2006
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Tecnologia
03/2006 - 07/2006
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Industrializações Comparadas
8/2005 - 12/2005
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História dos sistemas de bem-estar social
8/2005 - 12/2005
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Microeconomia Evolucionária
6/2002 - 12/2005
Direção e administração, Pró Reitoria de Pesquisa, Comitê de Assessores da Área de Ciências Sociais Aplicadas.

Cargo ou função
Membro do Comitê Assessor.
3/2005 - 7/2005
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemas Econômicos Comparados (ECN 010)
Economia da Ciência e da Tecnologia (ECN 034)
01/2004 - 01/2005
Direção e administração, Cedeplar, .

Cargo ou função
Subcoordenador do Centro de Pós-Graduação em Economia.
8/2004 - 12/2004
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História do Pensamento Econômico (ECN 052)
Economia Industrial (ECN 029)
8/2004 - 12/2004
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Industrial (ECN 908)
Economia da Tecnologia (ECN 922)
05/2004 - 07/2004
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Teoria Econômica: Economia Evolucionária
03/2004 - 07/2004
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Industrializações Comparadas - ECN 065
9/2003 - 2/2004
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História do Pensamento Econômico II
08/2003 - 12/2003
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Tecnologia
Economia Industrial
8/2002 - 12/2003
Direção e administração, Cedeplar, Faculdade de Ciências Econômicas.

Cargo ou função
Membro de colegiado da pós-graduação em economia.
04/2003 - 08/2003
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Hisória do Pensamento Econômico II
10/2002 - 3/2003
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Industrial
Economia da Ciência e da Tecnologia
História do Pensamento Econômico II
10/2002 - 12/2002
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Tecnologia
8/2002 - 10/2002
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Industrial (30 horas)
11/2000 - 8/2002
Direção e administração, Faculdade de Ciências Econômicas, .

Cargo ou função
Representante (titular) do Departamento de Ciências Econômicas junto ao Colegiado de Coordenação Didática do Curso de Ciências Econômicas.
3/2002 - 7/2002
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Industrial
8/2001 - 12/2001
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Industrial
Economia da Tecnologia
8/2001 - 12/2001
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Industrial
Economia Política Contemporânea
3/2001 - 7/2001
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Economia Industrial
Globalização e Tecnologia
8/2000 - 10/2000
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Tecnologia
8/2000 - 8/2000
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Tecnologia (Mestrado Interinstitucional CEDEPLAR-UFMG/Unimontes)
2/2000 - 6/2000
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Desenvolvimento Sócio-econômico
Economia Industrial
10/1999 - 12/1999
Ensino, Economia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia da Tecnologia
8/1999 - 12/1999
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Desenvolvimento Sócio-econômico
Economia Industrial
4/1999 - 7/1999
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Desenvolvimento Sócio-econômico
Economia Industrial
10/1998 - 3/1999
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Desenvolvimento Sócio Econômico
Economia Industrial

King's College London, KGL, Inglaterra.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Visiting Researcher, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsa da CAPES (BEX 1669/14-1), para implementação do projeto "Metamorfoses do capitalismo global e a economia brasileira: oportunidades e desafios", em colaboração com o Professor Alex Callinicos


União de Negócios e Administração, FCG-UNA, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 1996
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Auxiliar, Carga horária: 8

Atividades

02/1996 - 10/1996
Ensino, Comercio Exterior, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Economica I
Teoria Economica II

Fundação Universidade de Itaúna, FUIT, Brasil.
Vínculo institucional

1994 - 1995
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Auxiliar, Carga horária: 8

Atividades

02/1994 - 03/1995
Ensino, Ciências Econômicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia Economica Geral

Câmara Municipal de Belo Horizonte, CÂMARA MUNICIPAL, Brasil.
Vínculo institucional

1989 - 1989
Vínculo: Assessoria, Enquadramento Funcional: Assessor Parlamentar, Carga horária: 40

Atividades

1/1989 - 8/1989
Serviços técnicos especializados , Gabinete Parlamentar, Vereador Antonio Thomaz Gonzaga da Matta Machado.

Serviço realizado
Assessoria.

Câmara dos Deputados, CÂMARA FEDERAL, Brasil.
Vínculo institucional

1987 - 1988
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Assessor Parlamentar, Carga horária: 40

Atividades

3/1987 - 7/1988
Serviços técnicos especializados , Gabinte Parlamentar, Deputado Constituinte V Guimarães.

Serviço realizado
Assessoria.

Editora Aparte, EDITORA APARTE, Brasil.
Vínculo institucional

1985 - 1987
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Editor Sindical, Carga horária: 20

Atividades

5/1985 - 1/1987
Serviços técnicos especializados , Jornal Em Tempo, Editoria Sindical.

Serviço realizado
Editoria Sindical.

Unibanco Sistemas S A, UNIBANCO SISTEMA, Brasil.
Vínculo institucional

1984 - 1985
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Programador de Computador, Carga horária: 40

Atividades

1/1984 - 4/1985
Serviços técnicos especializados , Centro de Processamento de Dados, Cpd.

Serviço realizado
Programação de Computadores (linguagem COBOL).

Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa, FUNDEP, Brasil.
Vínculo institucional

1983 - 1984
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Técnico em Programação, Carga horária: 20

Atividades

06/1983 - 01/1984
Serviços técnicos especializados , NESCON - Faculdade de Medicina da UFMG, .

Serviço realizado
Programação de computadores.

Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

1976 - 1977
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto "Investigação nacional sobre o ensino da medicina preventiva", coordenado por Raimundo Haroldo Santos e Francisco Eduardo Campos. Esse projeto é parte do Programa de Estudos Sócio-econômicos em Saúde (PESES), estabelecido por acordo entre a FINEP/SEPLAN/PR e a Fundação Osvaldo Cruz.

Atividades

6/1976 - 12/1977
Estágios , Programa de Estudos Sócio Econômicos Em Saúde, Peses.

Estágio realizado
Investigação nacional sobre o ensino da medicina preventiva.


Linhas de pesquisa


1.
Economia Política Contemporânea

Objetivo: Investigar tendências contemporâneas do desenvolvimento capitalista e discutir perspectivas e alternativas..
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Crescimento, Flutuações e Planejamento Econômico / Especialidade: Crescimento e Desenvolvimento Econômico.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Teoria Econômica / Especialidade: Sistemas Econômicos.
Palavras-chave: Capitalismo contemporâneo; Industrializações comparadas; Desenvolvimento econômico; Desenvolvimento humano; socialismo.
2.
Economia da Ciência e da Tecnologia

Objetivo: Investigar as articulações entre ciência, tecnologia e desenvolvimento, com base no conceito de sistemas nacionais de inovação. A construção combinada de um sistema de inovação e de um sistema de bem-estar social é uma condição para o Brasil superar o subdesenvolvimento. As pesquisas desta linha enfatizam o papel do sistema setorial de inovação da saúde, na medida em que esse setor encontar-se na interseção entre os sistemas de inovação e de bem-estar social..
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Palavras-chave: Determinantes do Progresso Tecnologico; Estatisticas de Ciencia e Tecnologia; Progresso Tecnologico Em Paises Em Desenvolvimento; Sistemas Nacionais de Inovacao.


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Revoluções tecnológicas, sistemas de inovação e a dinâmica centro-periferia (Edital Universal 2016,CNPq, Projeto 401054/2016-0)
Descrição: Cada revolução tecnológica no centro (Freeman e Louçã, 2001) reformulou o panorama econômico e industrial na periferia, com uma nova dinâmica de avanço e declínio de setores que redefiniram economias periféricas. Neste processo, a natureza e o grau de industrialização alcançados eram, em si, fontes de diferenciação dentro da periferia: uma diferenciação entre o resto e o resíduo de acordo com a Alice Amsden (2001). Furtado sugere uma diferenciação entre os níveis de subdesenvolvimento, com uma categoria de ?países subdesenvolvidos de alto nível?: países como a Índia, México e Brasil, por exemplo, que foram capazes de internalizar parte da indústria de bens de capital entre os anos 1950 e os anos 1980 (Furtado, 1986). A heterogeneidade era tão ampla, que dois países - Coréia do Sul e Taiwan - foram capazes de superar o subdesenvolvimento, de acordo com Celso Furtado (1992). No pós-guerra, países na África (África do Sul, Egito), na Ásia (Índia, China, Coréia do Sul, Taiwan) e na América Latina (México, Argentina, Brasil) construíram pelo menos uma parte das instituições dos sistemas nacionais de inovação (Freeman, 1995). Na medida em que os países periféricos começaram a desenvolver as capacidades de absorção para lidar com as revoluções tecnológicas que emanam do centro e de juntar-se aos fluxos internacionais de ciência e tecnologia, os sistemas de inovação na periferia foram responsáveis por uma nova etapa na dinâmica centro-periferia. Essas novas capacidades científicas e tecnológicas (uma nova fonte de heterogeneidade dentro dos países periféricos), agora localizadas em alguns, mas não todos os países da periferia, com seus impactos sobre a criação de universidades e outras instituições de ensino superior, influenciam novas mudanças na divisão internacional do trabalho. É importante destacar que nestas mudanças parte da iniciativa originou-se na periferia. Esta linha de pesquisa busca sistematizar esses impactos das sucessivas revoluções tecnológicas, para investigar como a existência de diferentes níveis de progresso tecnológico em um único país, combinado com mudanças na divisão internacional de trabalho estão associadas com a emergência de maior heterogeneidade e diferenciação no interior da periferia do capitalismo global..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Leandro Alves Silva - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Wilson Suzigan - Integrante / Renato Garcia - Integrante / Marcelo Pinho - Integrante / Gustavo de Britto Rocha - Integrante / Sylvia Ferreira Marques - Integrante / Ester Carneiro do Couto Santos - Integrante / Ulisses Pereira dos Santos - Integrante / Fernanda Cimini Salles - Integrante.Financiador(es): (CNPq) Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2017 - Atual
Tecnologias emergentes e cenários tecnológicos para o Brasil: uma avaliação prospectiva como uma introdução a uma discussão dos impactos sobre o trabalho
Descrição: A contratação deste projeto tem um objetivo bem delimitado: investigar os "efeitos das inovações do tipo machine learning, inteligência artificial e automação inteligente aplicada à manufatura no mercado de trabalho industrial". Para atender ao objetivo da contratação, este projeto busca compreender as transformações em curso na economia global contemporânea à luz da interpretação do sistema capitalista como dotado de uma dinâmica de longo prazo impulsionada por uma sucessão de revoluções tecnológicas (Kondratiev, 1926; Schumpeter, 1939; Freeman e Louçã, 2001). Cada revolução tecnológica impacta o mercado de trabalho, simultaneamente criando novas ocupações, recompondo e requalificando ocupações existentes e eliminando outras - um movimento que pode ser identificado como "reposicionamento do trabalho" (Albuquerque, 1996, 2015). Freeman e Louçã (2001) descrevem cinco revoluções tecnológicas e atualmente assistimos a emergência de mais uma revolução tecnológica. Na atual revolução tecnológica há uma singularidade, que é a combinação entre uma nova fase da revolução das tecnologias da informação e da comunicação com uma possível onda de automação derivada de robôs com flexibilidade e maior capacidade operacional derivada de avanços no campo da inteligência artificial. Essa combinação de tecnologias emergentes afeta tanto a dinâmica de reposicionamento do trabalho (criação e destruição de ocupações) como a forma de organização das firmas e de suas redes de contratação e subcontratação - mudanças nas fronteiras das firmas e nas estruturas de governança (UNCTAD, 2013). Este cenário internacional será o ponto de partida para compreender a especificidade das mudanças em termos de emprego em geral e no Brasil. Para a discussão da particularidade do Brasil, será necessário explorar cenários distintos, decorrentes de diferentes posturas em relação à inserção mais ativa ou mais passiva na cambiante divisão internacional do trabalho. Essa revisão das grandes tendências tecnológicas e a elaboração de cenários permitem avaliar as especificidades de seu impacto sobre o Brasil e uma avaliação exploratória e sumária sobre o "surgimento e desaparecimento de ocupações" no país..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Leonardo C. Ribeiro - Integrante.Financiador(es): SENAI - Departamento Nacional - Outra.
Número de produções C, T & A: 1
2016 - 2018
Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power? (Fapemig APQ-00685-16)
Descrição: The objective of this project is to provide an analysis of the measures Brazil has been implementing in an effort to become a competitive knowledge economy. The realisation of the hope/vision of moving up the technological, economic and social ladder in a changing global context will be interrogated by focusing on two key high-tech economic sectors, namely the pharmaceutical and the (agricultural) biotechnology sectors..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Valbona Muzaka - Integrante / MICHELLE NEPOMUCENO SOUZA - Integrante / PATRÍCIA SAMPAIO COTTA - Integrante / Lucas Pales Zuba - Integrante / Maria Eduarda Stinghen - Integrante / Sofia Cristina Novy Lara - Integrante / Illa Vieira Elias - Integrante / Tiago Rogado Guedes de Camargo - Integrante / Guilherme Pazzini Meirelles - Integrante / Alexandre Oliveira Ribeiro - Integrante / José Carlos Miranda da Silva - Integrante.Financiador(es): Newton Fund - Confap - UK Academies - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 8
2016 - Atual
Sistemas de inovação na periferia e variedades de capitalismo: revoluções tecnológicas e a dinâmica centro-periferia (CNPq: Processo 302857/2015-0)
Descrição: O objetivo deste projeto é pesquisar as mudanças impostas na divisão centro-periferia pelas mudanças contemporâneas na dinâmica do capitalismo global. Metamorfoses do capitalismo (Furtado, 2002) implicam transformações estruturais em todas as suas instituições constitutivas, o que sugere também a existência de importantes mudanças na relação centro-periferia (Marques, 2014). O contexto atual, que pode ser caracterizado por uma combinação entre uma transição de paradigmas tecno-econômicos - tanto segundo a elaboração das ondas longas do desenvolvimento (Freeman & Louçã, 2001) como segundo estudos relativos a emergência de uma economia baseada no conhecimento (NBER, 2005; OECD, 2013) -, uma transição sistêmica, de acordo com a elaboração dos ciclos sistêmicos de acumulação (Arrighi, 2007), uma intensificação da natureza global do sistema (Panitch e Gindin, 2012) e um conjunto de transformações geopolíticas associadas ao crescente peso econômico e estratégico do chamado "Global South" (UNDP, 2013) - o "efeito bumerangue", segundo a avaliação de Marques (2014). Essas mudanças combinadas têm impacto sobre uma dimensão da reconfiguração do capitalismo global - a divisão centro-periferia - ao redesenhar a divisão internacional de trabalho, as fronteiras entre o centro e a periferia e a diferenciação interna à própria periferia. Compreender os desafios e as oportunidades abertas pelas mudanças na divisão centro-periferia é importante para o debate econômico e político de um país como o Brasil, uma das bases para a formulação de políticas públicas em um ambiente democrático e pluralista. Este projeto está estruturado em cinco linhas de pesquisa: a primeira linha busca resenhar a divisão centro-periferia na literatura econômica, a segunda discutir a relação entre revoluções tecnológicas e a crescente diferenciação no interior da periferia, a terceira linha explora a associação entre diferentes sistemas de inovação na periferia e variedades de capitalismo, a quarta linha busca sistematizar estatísticas capazes de identificar mudanças na clivagem centro-periferia e mapear a diferenciação interna à periferia e a quinta linha discute as implicações dessas quatro primeiras linhas para a elaboração de políticas públicas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): (CNPq) Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2014 - 2015
Metamorfoses do capitalismo global e a economia brasileira: oportunidades e desafios (CAPES BEX 1669/14-1)
Descrição: O objetivo deste projeto é pesquisar a inserção atual da economia brasileira - com um foco especial em seu sistema de inovação - na economia capitalista global que transita para uma nova fase. Para compreender essa inserção, é necessário em primeiro lugar sistematizar como as mudanças no centro dinâmico da economia capitalista transformam a natureza do processo de desenvolvimento na periferia. Em segundo lugar, é necessário investigar como os sistemas de inovação têm sido transformados, simultaneamente como causa e efeito, pelas metamorfoses globais do capitalismo ? que estariam impulsionado o surgimento de rudimentos de um sistema global de inovação. Em terceiro lugar, é necessário investigar mudanças estruturais na economia brasileira, buscando em especial rever todas as transformações do sistema de inovação brasileiro, para avaliar o seu estágio de construção ? ainda um sistema imaturo de inovação? A temática do desenvolvimento exige uma combinação de diversos instrumentos de pesquisa, desde a construção de bases de dados empíricas, contendo indicadores como PIB, PIB per capita, patentes, artigos científicos, citações em patentes, passando pela modelagem evolucionária e chegando à sistematização de debates teóricos. Esse tratamento do processo de desenvolvimento como multidimensional organiza o conjunto deste projeto, a análise dos resultados obtidos a partir de cada um dos instrumentos e a descrição desses resultados - linhas de desenvolvimento da pesquisa. A primeira linha de pesquisa busca identificar o momento atual do capitalismo central, a segunda linha as mudanças na clivagem centro-periferia, a terceira linha a possível emergência de rudimentos de um sistema global de inovação, a quarta linha avalia mudanças estruturais na economia brasileira - e o sistema de inovação brasileiro - e a quinta linha busca localizar esse sistema de inovação no contexto do capitalismo atual..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): (CAPES) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 8
2013 - 2016
Processos de catch up em tempos de turbulência sistêmica (CNPq, Processo 304706/2012-4)
Descrição: O contexto atual, que pode ser caracterizado por uma combinação entre uma transição de paradigmas tecno-econômicos, segundo a elaboração das ondas longas do desenvolvimento (Freeman & Louçã, 2001) e de transição sistêmica, de acordo com a elaboração dos ciclos sistêmicos de acumulação (Arrighi, 2007), abre oportunidades para a periferia, em especial para países com uma posição intermediária como o Brasil (ao lado de países como o México, África do Sul e Índia). O aperfeiçoamento da compreensão dessas oportunidades ? assim como dos desafios abertos ? é importante para o debate econômico e político de um país como o Brasil. A universidade deve ter um papel ativo nesses debates. Esse projeto de pesquisa busca contribuir para a formulação de políticas públicas em um ambiente democrático e pluralista..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (6) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): (CNPq) Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 9
2011 - 2014
Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up (Edital Universal CNPq 2011 - Projeto 471866/2011-3)
Descrição: O objetivo deste projeto é ampliar a compreensão das precondições para processos de catch up no século XXI - a efetiva superação do subdesenvolvimento. Para compreender essas precondições, é necessário por um lado compreender como as mudanças no centro dinâmico da economia capitalista transformam a natureza do processo de desenvolvimento na periferia, recolocando as metas e os objetivos do conjunto do processo. Por outro lado, é necessário investigar como esses desafios, que se transformam dinamicamente, podem ser respondidos na periferia, que deve pensar em respostas institucionais distintas, a partir de processos internos ? mas interligados a processos globais ? de inovação institucional. O projeto é dividido em seis linhas de pesquisa: 1- uma caracterização da conjuntura atual: catch up em tempos de turbulência sistêmica; 2- lições da história ? Japão, Coréia do Sul e Taiwan, China; 3- metamorfoses do estado: implicações para a natureza democrática do catch up; 4- modelagem evolucionária; 5- agenda para uma economia política dos processos de catch up; 6- política industrial e tecnológica no século XXI..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (6) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Américo Tristão Bernardes - Integrante / Catari Vilela Chaves - Integrante / Leandro Alves Silva - Integrante / Luciano Martins Costa Póvoa - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Wilson Suzigan - Integrante / Juarez Rocha Guimarães - Integrante / Raimundo de Souza Leal Filho - Integrante / Sylvia Ferreira Marques - Integrante / Ester Carneiro do Couto Santos - Integrante / Ulysses Pereira dos Santos - Integrante / Cláudia Feres Faria - Integrante / Solange Gomes Leonel - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 7
2010 - 2013
Venture capital no Brasil: a análise de uma interseção entre as dimensões inovativa e financeira (CNPq - Processo 305111/2009-4)
Descrição: Este novo projeto de pesquisa focaliza uma instituição financeira específica, o venture capital, uma instituição que está na interseção entre o sistema de inovação e o sistema financeiro. Por isso, o novo tema permite prosseguir a investigação iniciada no projeto anterior. A investigação envolve cinco linhas complementares de investigação: 1) uma revisão da literatura; 2) elementos históricos necessários para contextualizar o venture capital; 3) elementos empíricos para avaliar o significado do venture capital no Brasil; 4) modelagem evolucionária e 5) sugestões de políticas públicas para aprimorar a articulação entre o sistema de inovação e o sistema financeiro.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Solange Gomes Leonel - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 4
2009 - 2012
Metodologia de Avaliação de Resultados de Projetos Apoiados por Fundos Públicos de Ciência, Tecnologia e Inovação
Descrição: O objetivo do projeto é desenvolver e aplicar metodologia qualitativa e quantitativa para avaliação do conjunto de projetos apoiados por fundos públicos de CT&I no Brasil, adotando como estudo de caso as carteiras de projetos apoiados pelos fundos setoriais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2012
INGINEUS (Impact of Networks, Globalisation, and their INteraction with EU Strategies)
Descrição: INGINEUS (Impact of Networks, Globalisation, and their INteraction with EU Strategies, 2009-2011) is a research project sponsored by the 7th Framework Programme (FP7) of the European Commission. The project addresses the impact of globalisation and the rapid growth of selected emerging economies in the world on the competitiveness and strategies of European Union firms, industries and regions. It focuses particularly on the evolution of global production networks (GPNs) into global innovation networks (GINs) and the impact that this new process of global capitalism has on knowledge intensive activities in the EU..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Gustavo de Britto Rocha - Integrante / Otavio Silva Camargo - Integrante.Financiador(es): European Commission - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2008 - 2010
Em busca de novos horizontes para a economia política contemporânea (Edital Universal CNPq 2008 - Processo 476433/2008-8)
Descrição: O projeto central do nosso grupo de pesquisa do CNPq é a construção de um Centro de Referência em Economia Política. Para tanto, é adequado um projeto de pesquisa que busque viabilizar uma mais ampla compreensão do conjunto da obra de Marx e Engels através de uma investigação em torno da edição do Collected Works, em inglês. Esse esforço, crucial dada a posição de Marx na Economia Política e na história do pensamento econômico universal, permite a integração de diversas abordagens econômicas, conforme este projeto formula nos tópicos a seguir. Além do mais, esse esforço combina-se com a formulação de temas diretamente relacionados a questões centrais da sociedade e do capitalismo do nosso tempo. É também objetivo do projeto o aprofundamento do diálogo com os estudiosos do tema no Brasil e no exterior. Para além disto existe a preocupação em se ampliar interlocução já formalizada entre o grupo e o International Institute of Social History (IISH), de Amsterdam, depositário dos originais dos manuscritos de Marx e Engels e um dos principais centros de estudo do tema no mundo hoje, que se insere dentro do processo de crescente internacionalização das pesquisas do Cedeplar/UFMG. A pesquisa será desenvolvida através de cinco linhas de investigação. A primeira linha será desenvolvida pelo conjunto da equipe e as cinco linhas restantes serão encaminhadas por um pesquisador responsável. Desta forma, a pesquisa poderá combinar enfoques mais gerais sobre os Collected Works com pesquisas focalizadas em temas específicos, o que visa contribuir para uma melhor compreensão conjuta das contribuições de Marx e Engles. As linhas são as seguintes: 1) Leitura compreensiva dos Collected Works; 2)O caminho da crítica da economia política; 3) História e historiografia e o debate contemporâneo; 4) Contribuições para a compreensão das crises no sistema capitalista e 5) As interações entre a dimensão financeira e a inovativa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / João Antônio de Paula - Integrante / Hugo Eduardo A. Cerqueira - Integrante / Alexandre Mendes Cunha - Integrante / Leonardo Gomes de Deus - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 6
2008 - 2009
Perspectivas do Investimento no Brasil (PIB): Indústrias baseadas na ciência
Descrição: O Projeto Perspectivas do Investimento no Brasil (PIB), tem como um dos sistemas produtivos investigado as "indústrias baseadas na ciência". Para a discussão das indústrias baseadas na ciência são analisados quatro setores: biotecnologia, nanotecnologia, novas fontes de energia e aero-espacial/defesa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Integrante / David Kupfer - Coordenador / Catari Vilela Chaves - Integrante / Sônia Maria Dalcomuni - Integrante / Marcos José Barbieri Ferreira - Integrante / Maria da Graça Derengowski Fonseca - Integrante.Financiador(es): Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2007 - 2011
Interações de universidades e institutos de pesquisa com empresas no Brasil (Edital Universal CNPq 2006 e 2009)
Descrição: Investigar o padrão atual de interações entre a dimensão científica e a dimensão tecnológica no Brasil é o tema do projeto brasileiro. Para tanto, focaliza universidades e instituições públicas de pesquisa (parte da infra-estrutura científica do país), de um lado, e empresas (responsáveis pela dimensão tecnológica), de outro, e analisa o relacionamento entre essas instituições constitutivas de um sistema nacional de inovação. Essa análise se desdobra ainda no plano regional, i.e., de sistemas regionais ou mesmo locais de inovação, sob os pressupostos de que proximidade importa e interações locais ou regionais são determinantes significativos da localização de empresas inovadoras, como atestam trabalhos nas áreas de geografia de inovação (Feldman, 1994; Feldman, 2000; Breschi & Malerba, 2001) e de sistemas regionais ou locais de inovação (Cooke, 2001; Breschi & Lissoni, 2001)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Integrante / Jorge Britto - Integrante / Catari Vilela Chaves - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Hérica Morais Righi - Integrante / Wilson Suzigan - Coordenador / Renato Garcia - Integrante / Cláudio Puty - Integrante / Ana Cristina Fernandes - Integrante / Geciane Porto - Integrante / João Furtado - Integrante / Marcelo Pinho - Integrante / Silvio Cario - Integrante / Orlando Martinelli - Integrante / João de Negri - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2
2007 - 2010
Sistema de inovação e sistema financeiro no Brasil: uma investigação a partir de ?manchas de interação? e suas fontes de financiamento (CNPq, Processo: 300856/2006-7)
Descrição: A partir da literatura de economia da inovação, o objetivo geral deste projeto de pesquisa é investigar a articulação entre sistemas de inovação e sistemas financeiros, focalizando o caso brasileiro. Dentro deste tema, principal objetivo específico é a identificação das fontes de financiamento presentes nas ?manchas de interação? identificadas no Brasil. A investigação envolve quatro linhas complementares de investigação: 1) uma revisão da literatura, para construir um referencial teórico adequado à pesquisa; 2) estudos de caso focalizando ?manchas de interação? que serão identificadas por esforço de pesquisa em curso (Suzigan, 2006) para avaliar as fontes de financiamento presentes; 3) ampliação de um modelo evolucionário para introduzir uma variável financeira; e 4) sugestões de políticas públicas para articular o sistema de inovação com a dimensão financeira..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / SILVA, LEANDRO ALVES - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 8
2007 - 2010
Atividades de patenteamento no Brasil e no exterior (Fapesp, Projeto 07/59597-5)
Descrição: Preparação do capítulo 5, no âmbito do projeto de produção da 4ª edição dos ?Indicadores de Ciência, Tecnologia e Inovação em São Paulo?..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Adriano Ricardo Baessa - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / SILVA, LEANDRO ALVES - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2007 - 2010
Oportunidades ao desenvolvimento sócio-econômico e desafios da ciência, da tecnologia e da inovação em Minas Gerais (SECTES-Fapemig, Processo CEX-1735/07)
Descrição: Avaliar oportunidades e desafios para a ciência e a tecnologia em Minas Gerais, a partir de quatro linhas de pesquisa: prospecção tecnológica, indicadores de ciência e tecnologia, financiamento da inovação e contribuições para a elaboração de políticas públicas.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Integrante / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Catari Vilela Chaves - Integrante / Leandro Alves Silva - Integrante / Bernard Herskovic - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Silvio Dias Pereira Neto - Coordenador / Soraia Schultz Martins Carvalho - Integrante / Vanessa Criscuolo Parreiras de Oliveira - Integrante / Fábio Chaves do Couto e Silva Neto - Integrante / Luiza Teixeira Melo Franco - Integrante / Priscila Gomes de Castro - Integrante / André Henrique de Brito Veloso - Integrante / Lucas Teixeira Araújo - Integrante / Mateus Henrique de Souza Oliveira - Integrante / Isabel de Azeredo Moura - Integrante / Thiago Luiz Rodarte - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 12 / Número de orientações: 9
2007 - 2009
Interactions between universities and firms: searching for paths to support the changing role of universities in Latin America (IDRC-RoKS 2006 Competition: ?Developmental Universities: A Changing Role for Universities in the South??)
Descrição: Many Latin American countries are characterized instead by poor interactions between industry and the public research sector, including universities and research institutes. Policy proposals aimed at remedying these weaknesses are plagued: (a) by the limited knowledge of the state of university-industry linkages (UILs); and (b) by the mistaken assumption that advanced economies? policies can be adopted wholesale in developing countries. Our research project aims at addressing these problems and promoting sound policy proposals. To do this, we will study the current state of UILs in sufficient detail to appreciate the heterogeneity of situations in different countries (Argentina, Brazil, Costa Rica, Mexico) and economic sectors. Through surveys and case studies, we will develop a fine-grained picture of the areas of knowledge and of economic activity where forms of cooperation are present, of the needs and uses that firms have for knowledge emanating from universities and research institutes, of the channels through which university and industry communicate, and of the modes of effective interaction. This work will be complemented by a historical overview of the national patterns of development of universities and research institutions, a necessary task in order to understand the roots for current strengths and weaknesses in UILs and identify institutional constraints on the formulation of policy proposals. This is the final goal of the project: proposing qualitative and quantitative changes for universities and research institutes that will enhance their contributions to the effectiveness of the countries? NSI. (see http://www.idrc.ca/uploads/user-S/11697587141RoKS_Awardee_Summaries_05-06.doc).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Wilson Suzigan - Integrante / Andrés López - Integrante / Gabriela Dutrénit - Integrante / Jeffrey Orozco - Integrante / Norma Vite-León - Integrante / Rosalba Casas - Integrante / RAPINI, MÁRCIA SIQUEIRA - Integrante.Financiador(es): International Development Research Center - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 7
2007 - 2009
Interações entre universidades e empresas: uma investigação sobre o sistema estadual de inovação de Minas Gerais (Fapemig - SHA APQ-0482-5.05/07)
Descrição: O objetivo geral deste Projeto de Pesquisa é a investigação das interações existentes entre empresas e universidades no sistema de inovação de Minas Gerais. Este Projeto beneficia-se de pesquisa anterior (Rapini et al, 2006) que realizou um mapeamento geral dessas interações no estado, viabilizando agora uma investigação mais detalhada e mais profunda. A partir de metodologia pioneira desenvolvida por Rapini (2004) e Righi (2005), o Diretório de Grupos de Pesquisa do CNPq será utilizado como ponto de partida para a construção da base de dados da pesquisa. Essa base de dados conterá dois conjuntos de informações: 1) os grupos de pesquisa localizados em universidades e institutos de pesquisa de Minas Gerais que declararam interações com empresas; 2) as empresas que foram indicadas por esses grupos como participantes dessas interações. Essa base de dados possibilitará o desenvolvimento de dois surveys. O primeiro focalizará as empresas e o segundo os grupos universitários. Esses dois surveys contribuirão para o primeiro objetivo específico deste projeto de pesquisa que é o esclarecimento dos padrões de interação existentes, a partir de um enfoque que capture três dimensões relevantes: 1) modos de interação; 2) setores econômicos/industriais e 3) disciplinas científicas e engenharias. O segundo objetivo específico é o envolvimento deste Projeto de Pesquisa com esforços em curso nacional (Suzigan, 2006) e internacionalmente (Lee et al, 2006; Kruss et al, 2006; Albuquerque et al, 2006) para investigar e comparar diferentes padrões de interação entre universidades e empresas em regiões e países em diversos estágios de desenvolvimento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Catari Vilela Chaves - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 7
2006 - 2007
Base técnico-científica, P&D e inovação
Descrição: O objetivo deste projeto é avaliar a situação atual da base técnico-científica do Brasil, através da sistematização de estatísticas disponíveis de ciência e tecnologia. Essa avaliação permite identificar o estágio de construção do sistema de inovação brasileiro e contribui para a elaboração de políticas públicas fortalecer o seu proceso de construção..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): Centro de Gestão e Estudos Estratégicos - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2006 - 2007
Sistema de inovação, economia do conhecimento e desenvolvimento: Desafios e oportunidades para o estado de Minas Gerais
Descrição: Elaboração de um estudo que sirva de base para um melhor entendimento do papel do conhecimento no processo de desenvolvimento de Minas Gerais e para reestruturação e modernização do ?sistema estadual de inovação? como base e suporte para o processo de inovação econômica e social no estado.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Leandro Alves Silva - Integrante / Wellington Marcelo Silva da Cruz - Integrante / Luiza Teixeira Melo Franco - Integrante / Helena Baeta - Integrante.Financiador(es): Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2005 - 2007
Interação entre universidades e empresas: uma discussão teórica e dois estudos empíricos sobre feedbacks positivos entre a produção científica e tecnológica em um sistema de inovação imaturo (Edital Universal CNPq 019/2004 - Processo 473096/2004-8)
Descrição: Investigar o padrão atual de interação entre a dimensão científica e a dimensão tecnológica no Brasil é o tema desta pesquisa. Para tanto, esta pesquisa focaliza universidades (parte da infra-estrutura científica do país) e empresas (responsáveis pela dimensão tecnológica) e o relacionamento entre essas duas instituições constitutivas de um sistema nacional de inovação. Para investigar as interações no interior do sistema brasileiro de inovação, esta pesquisa se concentrará no estado de Minas Gerais, cujas características foram estudadas em trabalho anterior (Albuquerque, Paula & Cerqueira, 2002). Para investigar os dois lados da interação entre universidades e empresas em Minas Gerais, dois métodos diferentes são empregados: um survey de empresas e um levantamento sobre a utilização de patentes depositadas por uma universidade (UFMG)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Leandro Alves Silva - Integrante / Wellington Marcelo Silva da Cruz - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 4
2004 - 2004
Sistema de inovação em saúde.
Descrição: A pesquisa é direta e especificamente relaciona às dimensões científica e tecnológica do setor saúde. O conceito de sistema de inovação do setor saúde é uma referência teórica básica que informa a elaboração desta pesquisa. Para avaliar a capacitação científica e tecnológica do setor, serão utilizadas ferramentas da Economia da Tecnologia como a avaliação da produção científica através de estudos bibliométricos de artigos científicos indexados pelo Institute for Scientific Information (ISI) e a avaliação da produção tecnológica através da análise de patentes depositadas junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) e ao United States Patent and Trademark Office (USPTO). Montar as bases de dados com as informações colhidas junto ao ISI, junto ao INPI e ao USPTO, tornando-as operacionalizáveis. Elaborar Relatório de Pesquisa sobre indicadores de ciência e tecnologia da área de saúde (patentes e artigos científicos), contribuindo para mapear o sistema de inovação do setor saúde. Os resultados dessa pesquisa subsidiam a estruturação dos Núcleos Regionais de Ciência, Tecnologia e Economia da Saúde, articulados à criação do Centro Nacional de Informação em Ciência e Tecnologia e Economia da Saúde do Ministério da Saúde, a partir da sugestão de que eles podem desempenhar papel importante na organização institucional relacionada ao sistema de inovação do setor saúde (UNESCO-MS, contrato numero SHS22853/2004, Termo de Referencia de Pessoa Física SA10662/2003).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): United Nations Educational, Scientific And Cultural Organization - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2
2003 - 2007
Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento (CNPq, Processo 350562/2003-2)
Descrição: O objetivo deste projeto é avaliar as contribuições da ciência para o processo de desenvolvimento em geral e para processos de catching up em particular. Este projeto investiga a existência e o sentido de um conjunto de relações interativas entre as instituições de ciência, de tecnologia e o processo de desenvolvimento. Este projeto investiga a existência e o sentido de um conjunto de relações interativas entre as instituições de ciência, de tecnologia e o processo de desenvolvimento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 6
2003 - 2004
Estatísticas de patentes e atividades inovativas em São Paulo
Descrição: A partir de estatísticas de patentes fornecidas pelo INPI (período 1990-2001), avaliar a produção tecnológica do estado de São Paulo. A investigação combina a identificação de firmas e instituições líderes no patenteamento, as classes tecnológicas mais importantes e a distribuição geográfica das atividades inovativas. Esse estudo vai subsidiar a redação do Capítulo 6 dos "Indicadores de Ciência e Tecnologia - 2003", Relatório preparado pela Fapesp..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado profissional: (2) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Adriano Ricardo Baessa - Integrante / Leandro Alves Silva - Integrante / Camila Lins Rodrigues - Integrante / Hérica Morais Righi - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2
2001 - 2003
Uma análise comparativa de sistemas de inovação imaturos (Brasil. México, Índia e África do Sul): uma investigação baseada em estatísticas de ciência e tecnologia (CNPq, Processo 300538/98-7 (RN))
Descrição: O objetivo deste Projeto de Pesquisa é a realização de uma análise comparativa entre sistemas de inovação imaturos (incompletos) de quatro países: Brasil, México, Índia e África do Sul. Essa análise comparativa baseia-se em estatísticas de ciência e tecnologia e tem duas dimensões. Por um lado, dados detalhados sobre esses quatro países serão levantados, através da organização de bancos de dados sobre patentes (United States Patent and Trademark Office - USPTO) e artigos científicos (Institute for Scientific Information - ISI). Por outro lado, dados gerais de uma amostra de cerca de 40 países serão trabalhados, de forma a precisar a diferenciação desses quatro países em relação a países com sistemas de inovação em estágios diferentes de construção.A escolha dos quatro países justifica-se por que são países em estágio de construção de seus sistemas de inovação similares e compartilham problemas comuns a países grandes, populosos e com profundas diferenças sociais e regionais internas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 6
2001 - 2002
Desigualdade e concentração no sistema de inovação: uma investigação sobre padrões estaduais de especialização e o papel de Minas Gerais
Descrição: A partir de estatísticas disponíveis de patentes e artigos científicos, desagregar o sistema nacional de inovação do país em seus componentes estaduais, de forma a avaliar as diversas especializações existentes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2000 - 2001
Análise da performance produtiva e tecnológica de clusters industriais
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Jorge Britto - Integrante.Financiador(es): Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - DF - Outra.
Número de produções C, T & A: 5
2000 - 2001
Fluxos tecnológicos, empresas transnacionais e sistema de inovação no Brasil: uma investigação sobre patentes depositadas por multinacionais e por suas subsidiárias e sobre contratos de importação de tecnologia (CNPq, Processo 300538/98-7)
Descrição: Avaliar, através de estatísticas de patentes registradas junto ao INPI, a contribuição tecnológica das empresas transnacionais com subsidiárias no Brasil..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 1
2000 - 2001
Avaliação do impacto da Fapemig nas atividades científicas do Estado de Minas Gerais
Descrição: Políticas públicas têm uma papel na superação das debilidades e para a exploração das potencialidades do sistema de inovação de Minas Gerais. Um elemento central dessas políticas está no reforço da infra-estrutura científica do estado Donde, o papel de uma instituição de apoio e fomento da pesquisa é crucial. Por isso é necessário investigar o papel potencial de instituições estaduais de apoio à pesquisa para estabelecer um certo parâmetro para a definição de recursos e de políticas para a atuação da FAPEMIG. É necessário avaliar o desempenho da FAPEMIG desde a sua fundação. Dessa avaliação é possível deduzir o que foi a contribuição real da FAPEMIG até o presente e discutir a sua contribuição potencial..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
1998 - 2002
O impacto da introdução das tecnologias de informação e comunicação sobre a produtividade de serviços públicos
Descrição: Avaliar o impacto da introdução de tecnologias de informação e comunicação sobre a produtividade de serviços públicos oferecidos pela prefeitura de Belo Horizonte. A referência para a parte estatística dessa investigação foi o trabalho de Lehr & Lichtenberg (1996)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Adriano Ricardo Baessa - Integrante / Leandro Alves Silva - Integrante / Lincoln Barros - Integrante.Financiador(es): Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2
1998 - 2001
Uma investigação sobre a eficiência econômica dos investimentos em pesquisa e formação na área de saúde
Descrição: Avaliar as características específicas do sistema de inovação do setor saúde, assim como coletar informações estatísticas básicas sobre a interação entre ciência e tecnologia nesse setor no Brasil. Pesquisa solicitada pela FeSBE..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / José Eduardo Cassiolato - Integrante / Regina Maria Fernandes - Integrante / João Carlos Vieira Kirdeikas - Integrante / Alethéia Januária Zanow de Gouvêa - Integrante / Márcia Siqueira Rapini - Integrante.Financiador(es): Federação das Sociedades de Biologia Experimental - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 10 / Número de orientações: 8
1998 - 2000
Estatísticas de propriedade intelectual e o sistema nacional de inovação: uma investigação sobre patentes, modelos de utilidade e desenhos industriais
Descrição: Constituir um banco de dados de patentes depositadas no INPI, por residentes e não-residentes (entre 1988 e 1996), para avaliar estatisticamente algumas dimensões do sistema de inovação brasileiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4
1984 - 1990
Inovação tecnológica e luta operária
Descrição: Projeto de pesquisa desenvolvido entre maio de 1985 e abril de 1990, que resultou no livro "A foice e o robô: inovações tecnológicas e luta operária". Entre maio de 1984 e janeiro de 1985 foi elaborado o projeto - "Innovation technologique et lutte ouvrière"..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 9


Outros Projetos


2015 - 2016
Newton Fund - Newton Researcher Links - Workshop (Grant Agreement 172582954)
Descrição: Under the Newton Researcher Links scheme, part of the Newton Fund, a bilateral workshop on Science, Technology and Innovation in Neglected Diseases was held in Belo Horizonte, Brazil from the 17th to 20th November 2015. The workshop did bring together 31 early career researchers to discuss their work and build international relationships. The Newton Fund is part of the UK's official development assistance programme. Through the Newton Fund, the UK will use its strength in research and innovation to promote economic development and social welfare of partner countries. The workshop, coordinated by Eduardo Albuquerque (Cedeplar, Universidade Federal de Minas Gerais) and Parimal Patel (SPRU), did bring together a multidisciplinary group of dynamic early career researchers from Brazil and the UK to discuss their research on neglected diseases. It had major contributions from Michael Hopkins (SPRU) and Carlos Morel (FIOCRUZ, Rio de Janeiro). The Workshop: There have been spectacular step changes in innovation in health care in developed countries over the last fifty years. However in the same period, the pace of introduction of new drugs related to neglected diseases in low and middle-income countries has been slow. The main aim of the workshop is to discuss research related to a key element of this puzzle: the role played by public policies and funding regimes in creating scientific and technical knowledge related to neglected diseases. The underlying rationale for focusing on this element is that creation of new knowledge is critical to the development of new drugs, and that a better understanding of the processes involved will have an impact on the efficiency and productivity of the health care system. The main themes of the workshop are: 1) Changing dynamics of the key elements of the national systems of innovation in relation to health care in the UK and Brazil; 2) Trends in the creation of knowledge related neglected diseases; 3) Translating knowledge into innovation and practical health interventions; 4) Changing dynamics of funding systems underlying health care R&D; 5) Role played by public-private partnerships in stimulating knowledge creation and transmission. The main objectives of the workshop are: (a) discuss recent research on innovation in neglected diseases; (b) develop new ideas for future collaboration between innovation scholars in Brazil and the UK; and (c) build research capacity in the field of health sector innovation..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo da Motta e Albuquerque - Coordenador / Márcia Siqueira Rapini - Integrante / Leonardo C. Ribeiro - Integrante / Marina Honório de Souza Szapiro - Integrante / Ulisses Pereira dos Santos - Integrante / Parimal Patel - Integrante / Carlos Medicis Morel - Integrante / Michael Monro Hopkins - Integrante.Financiador(es): British Council - Auxílio financeiro.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: Marxism 21
2011 - Atual
Periódico: INNOVATION AND DEVELOPMENT (PRINT)
2002 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Inovação (1677-2504)


Revisor de periódico


1997 - 2016
Periódico: Research Policy
1995 - 1995
Periódico: Pesquisa e Planejamento Econômico (Rio de Janeiro)
2016 - Atual
Periódico: Nova Economia (UFMG)
2011 - 2011
Periódico: Nova Economia (UFMG)
2008 - 2008
Periódico: Nova Economia (UFMG)
2001 - 2001
Periódico: Nova Economia (UFMG)
2008 - 2008
Periódico: Estudos Econômicos. Instituto de Pesquisas Econômicas
2001 - 2001
Periódico: Estudos Econômicos. Instituto de Pesquisas Econômicas
2004 - 2005
Periódico: Revista Brasileira de Economia
2000 - 2000
Periódico: Revista Brasileira de Economia
2001 - 2001
Periódico: Revista de Economia Aplicada
2003 - 2003
Periódico: Revista de economia contemporânea
2005 - 2005
Periódico: Revista de Economia Política
2016 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Inovação
2008 - 2008
Periódico: Revista Brasileira de Inovação
2004 - 2004
Periódico: Revista Brasileira de Inovação
2001 - 2001
Periódico: Econômica (Niterói)
2002 - 2003
Periódico: Teoria & Sociedade (UFMG) (1518-4471)
2006 - 2006
Periódico: Economia (Campinas) (1517-7580)
2009 - 2009
Periódico: Industrial and Corporate Change
2016 - 2017
Periódico: Science and Public Policy
2009 - 2012
Periódico: Science and Public Policy
2012 - 2012
Periódico: South African Journal of Science
2017 - 2018
Periódico: Scientometrics (Print)
2013 - 2013
Periódico: Scientometrics (Print)
2013 - 2014
Periódico: INNOVATION AND DEVELOPMENT
2014 - 2016
Periódico: Journal of Development Studies
2015 - 2015
Periódico: Revista de Economia Política (Impresso)
2017 - 2017
Periódico: CAMBRIDGE JOURNAL OF ECONOMICS


Revisor de projeto de fomento


2017 - 2017
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo
2002 - Atual
Agência de fomento: (CNPq) Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
2002 - Atual
Agência de fomento: (CAPES) Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Economia Industrial/Especialidade: Mudança Tecnológica.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Crescimento, Flutuações e Planejamento Econômico/Especialidade: Crescimento e Desenvolvimento Econômico.
3.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Teoria Econômica/Especialidade: Sistemas Econômicos.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2017
Professor homenageado, Formandos em Relações Econômicas Internacionais da UFMG - primeiro semestre de 2017.
2017
Professor homenageado, Formandos em Relações Econômicas Internacionais da UFMG - segundo semestre de 2017.
2017
Professor homenageado, Formandos em Economia da UFMG - segundo semestre de 2017.
2016
Professor homenageado, Formandos em Economia da UFMG - primeiro semestre de 2016.
1995
PREMIO 47 REUNIAO ANUAL DA SBPC: DIPLOMA DE MENCAO HONROSA, NIVEL DOUTORADO, AO TRABALHO "SISTEMA NACIONAL DE INOVACAO NO BRASIL: UMA ANALISE INTRODUTORIA A PARTIR DE DADOS DISPONIVEIS SOBRE CIENCIA E TECNOLOGIA", SOCIEDADE BRASILEIRA PARA O PROGRESSO DA CIENCIA (SBPC).


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:21
Total de citações:169
Fator H:5
Albuquerque, Eduardo M  Data: 17/11/2018

SciELO
Total de trabalhos:12
Total de citações:90
Eduardo da Motta e Albuquerque (número de citações de acordo com informações do Lattes, abaixo)  Data: 12/01/2016

SCOPUS
Total de trabalhos:24
Total de citações:245
Eduardo da Motta e Albuquerque (número de trabalhos e de citações de acordo com informações do Lattes, abaixo)  Data: 23/01/2017

Outras
Total de trabalhos:136
Total de citações:3213
GOOGLE ACADÊMICO: Eduardo da Motta e Albuquerque  Data: 14/12/2017

Artigos completos publicados em periódicos

1.
ALBUQUERQUE, E. M.2018ALBUQUERQUE, E. M.. Natureza da transição e tipo de capitalismo: notas sobre o fim da economia de comando na URSS e a emergência de um capitalismo dirigido pelo estado. História Econômica & História de Empresas, v. 21, p. 203-232, 2018.

2.
RIBEIRO, LEONARDO COSTA2018RIBEIRO, LEONARDO COSTA ; RAPINI, MÁRCIA SIQUEIRA ; SILVA, LEANDRO ALVES ; Albuquerque, Eduardo Motta . Growth patterns of the network of international collaboration in science. SCIENTOMETRICS (ONLINE), v. 114, p. 159-179, 2018.

3.
BRITTO, J.2018BRITTO, J. ; RIBEIRO, L. C. ; ARAUJO, L. T. ; MACHADO, G. T. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Knowledge flows, changing firms’ competences and patent citations: an analysis of the trajectory of IBM. ECONOMICS OF INNOVATION AND NEW TECHNOLOGY, v. online, p. 1-31, 2018.

4.
RIBEIRO, L. C.2017RIBEIRO, L. C. ; DEUS, L. G. ; LOUREIRO, P. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Profits and Fractal Properties: notes on Marx, Countertendencies and Simulation Models. REVIEW OF POLITICAL ECONOMY, v. 29, p. 282-306, 2017.

5.
ALBUQUERQUE, E. M.2017ALBUQUERQUE, E. M.. Nathan Rosenberg: historiador das revoluções tecnológicas e de suas interpretações econômicas. Revista Brasileira de Inovação, v. 16, p. 9-34, 2017.

6.
COSTA RIBEIRO, LEONARDO2017COSTA RIBEIRO, LEONARDO ; DE DEUS, LEONARDO GOMES ; LOUREIRO, PEDRO MENDES ; da Motta e Albuquerque, Eduardo . A network model for the complex behavior of the rate of profit: exploring a simulation model with overlapping technological revolutions. Structural Change and Economic Dynamics, v. 43, p. 51-61, 2017.

7.
PAULA, J. A.2016 PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; DEUS, L. G. ; SUPRINYAK, C. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Investigating Financial Innovation and Stock Exchanges. Marx`s Notebooks on the crisis of 1866 and structural changes in capitalism. Beiträge zur Marx-Engels-Forschung, v. 2014/5, p. 194-217, 2016.

8.
RIBEIRO, L. C.2016RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . O papel da periferia na atual transição para uma nova fase do capitalismo: questões introdutórias nas mudanças da divisão centro-periferia. Cadernos do Desenvolvimento, v. 10, p. 166-186, 2016.

9.
ALBUQUERQUE, E. M.2016ALBUQUERQUE, E. M.; RIBEIRO, L. C. . Transition towards a new phase? The crisis of 2007-2008 and its impact on current metamorphosis of capitalism. Ensaios FEE (Impresso), v. 37, p. 305-324, 2016.

10.
ALBUQUERQUE, E. M.2016ALBUQUERQUE, E. M.; CALLINICOS, A. . Crises and Transformation of Capitalism: Marx's Investigations and Contemporary Analysis. SCIENCE & SOCIETY, v. 80, p. 444-453, 2016.

11.
RIBEIRO, L. C.2016RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Countertendencies at Work: New Sectors and New Regions in the Current Transition Towards a New Phase of Capitalism. SCIENCE & SOCIETY, v. 80, p. 566-580, 2016.

12.
SANTOS, U. P.2015SANTOS, U. P. ; BRITTO, G. ; KRUSS, G. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Global Innovation Networks and University-Firm Interactions: an Exploratory Survey Analysis. Revista Brasileira de Inovação, v. 14, p. 163-192, 2015.

13.
Motta e Albuquerque, E. d.2015Motta e Albuquerque, E. d.. Visible seeds of socialism and metamorphoses of capitalism: socialism after Rosdolsky. Cambridge Journal of Economics, v. 39, p. 783-805, 2015.

14.
ALBUQUERQUE, E. M.2014ALBUQUERQUE, E. M.. Catch up completo e forging ahead bloqueado: notas sobre o processo de desenvolvimento japonês. HISTÓRIA ECONÔMICA & HISTÓRIA DE EMPRESAS, v. 17, p. 535-565, 2014.

15.
RIBEIRO, LEONARDO COSTA2014 RIBEIRO, LEONARDO COSTA ; KRUSS, GLENDA ; BRITTO, GUSTAVO ; BERNARDES, AMÉRICO TRISTÃO ; da Motta e Albuquerque, Eduardo . A methodology for unveiling global innovation networks: patent citations as clues to cross border knowledge flows. Scientometrics (Print), v. 101, p. 61-83, 2014.

16.
PAULA, J. A.2013PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; CUNHA, A. M. ; SUPRINYAK, C. E. ; DEUS, L. G. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Notes on a crisis: the Exzerpthefte and Marx's method of research and composition. The Review of Radical Political Economics, v. 45, p. 162-182, 2013.

17.
BRITTO, G.2013BRITTO, G. ; CAMARGO, O. S. ; KRUSS, G. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Global interactions between firms and universities. Innovation and Development, v. 3, p. 71-87, 2013.

18.
SUZIGAN, W.2011SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . The underestimated role of universities for the Brazilian system of innovation. Revista de Economia Política (Impresso), v. 31, p. 3-21, 2011.

19.
RIBEIRO, L. C.2011RIBEIRO, L. C. ; BERNARDES, A. T. ; RUIZ, R. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . The diffusion of technological knowledge through interlaced networks. Computer Physics Communications, v. 182, p. 1875-1878, 2011.

20.
RIBEIRO, L. C.2010RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Matrices of science and technology interactions and patterns of structured growth: implications for development. Scientometrics (Print), v. 83, p. 55-75, 2010.

21.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2010ALBUQUERQUE, E. M.. Causa e efeito: contribuições de Marx para investigações sobre finanças e inovação. Revista de Economia Política (Impresso), v. 30, p. 473-490, 2010.

22.
RIBEIRO, L. C.2010RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Modeling economic growth fuelled by science and technology. Estudos Econômicos (USP. Impresso), v. 40, p. 319-340, 2010.

23.
FERNANDES, A. C.2010FERNANDES, A. C. ; SOUZA, B. C. ; SILVA, A. S. ; SUZIGAN, W. ; CHAVES, C. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Academy-industry links in Brazil: evidence about channels and benefits for firms and researchers. Science & Public Policy (Print), v. 37, p. 485-498, 2010.

24.
RAPINI, M. S.2009 RAPINI, M. S. ; CHAVES, C. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; SILVA, L. A. ; SOUZA, S. A. G. ; RIGHI, H. M. ; CRUZ, W. M. S. C. . University-industry interactions in an immature system of innovation: evidence from Minas Gerais, Brazil. Science & Public Policy (Print), v. 36, p. 373-386, 2009.

25.
SUZIGAN, W.2009SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; GARCIA, R. ; RAPINI, M. S. . University and industry linkages in Brazil: some preliminary and descriptive results. Seoul Journal of Economics, v. 22, p. 591-611, 2009.

26.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2008ALBUQUERQUE, E. M.. Plano X mercado na história do pensamento econômico: quatro rodadas de um grande debate. Estudos Econômicos (São Paulo. Impresso), v. 38, p. 373-395, 2008.

27.
CROCCO, M.2008CROCCO, M. ; CAVALCANTE, A. T. M. ; BRITO, M. L. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Patentes e sistemas financeiros: um estudo exploratório para o Brasil. Revista Brasileira de Inovação, v. 7, p. 367-407, 2008.

28.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2008ALBUQUERQUE, E. M.. Apresentação - The simple economics of basic research. Revista Brasileira de Inovação, v. 7, p. 9-15, 2008.

29.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2007ALBUQUERQUE, E. M.. Inadequacy of technology and innovation systems at the periphery. Cambridge Journal of Economics, v. 31, p. 669-690, 2007.

30.
CHAVES, C. V.2007CHAVES, C. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; MORO, S. . Clusters e limiares de produção científico-tecnológica: uma comparação entre C&T em geral e saúde. Divulgação em Saúde para Debate, v. 37, p. 110-132, 2007.

31.
PAULA, J. A.2007PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Nações e estilos de economia política. Revista de Economia Política, v. 27, p. 357-374, 2007.

32.
VIEIRA, K. P.2007VIEIRA, K. P. ; ALBUQUERQUE, E. M. . O financiamento das atividades inovativas no Região Nordeste: uma análise descritiva a partir dos dados do Nordeste. Revista Econômica do Nordeste, v. 38, p. 365-382, 2007.

33.
RIBEIRO, L. C.2006RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Science in the developing world: running twice as fast?. Computing in Science & Engineering, California, v. 8, n.4, p. 81-87, 2006.

34.
CHAVES, C. V.2006CHAVES, C. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Desconexão no sistema de inovação do setor saúde: uma avaliação preliminar do caso brasileiro a partir de estatísticas de patentes e artigos. Revista de Economia Aplicada, v. 10, p. 523-539, 2006.

35.
RIBEIRO, L. C.2006RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . National Systems of Innovation and Technological Differentiation: a multi-country model. International Journal of Modern Physics C, Cingapura, v. 17, n.2, p. 247-257, 2006.

36.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2005ALBUQUERQUE, E. M.. Democratic socialism: a global survey. Review of Radical Political Economics, Ithaca, NY, v. 37, n.3, p. 393-396, 2005.

37.
MACHADO, A. F.2005MACHADO, A. F. ; ANDRADE, M. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Atraso tecnológico, atraso social: uma investigação sobre as relações entre produção científico-tecnológica e desenvolvimento humano no Brasil. Ensaios FEE, Porto Alegre, v. 26, n.1, p. 471-504, 2005.

38.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2005ALBUQUERQUE, E. M.. Propriedade intelectual e a construção de um sistema de inovação no Brasil: notas sobre uma articulação importante. Parcerias Estratégicas (Brasília), Brasília, v. 20, n.pt.3, p. 965-986, 2005.

39.
CAMPOS, F. E.2005CAMPOS, F. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Contemporary specificities of labour in the health care sector: introductory notes for discussion. Human Resources for Health, Suíça, v. 3, n.8, p. 1-12, 2005.

40.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2005ALBUQUERQUE, E. M.; BAESSA, A. R. ; KIRDEIKAS, J. C. V. ; SILVA, L. A. ; RUIZ, R. M. . Produção científica e tecnológica das regiões metropolitanas brasileiras. Revista de Economia Contemporânea, Rio de Janeiro, v. 9, n.3, p. 615-642, 2005.

41.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2005ALBUQUERQUE, E. M.; SILVA, L. A. ; PÓVOA, L. M. C. . Diferenciação intersetorial na interação entre empresas e universidades no Brasil. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, v. 19, n.1, p. 95-104, 2005.

42.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2004ALBUQUERQUE, E. M.; SOUZA, S. A. G. ; BAESSA, A. R. . Pesquisa e inovação em saúde: uma discussão a partir da literatura sobre economia da tecnologia. Ciência & Saúde Coletiva, São Paulo, v. 9, n.2, p. 277-294, 2004.

43.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2004ALBUQUERQUE, E. M.. Apresentação do artigo "The National System of Innovation in Historical Perspective". Revista Brasileira de Inovação, Rio de Janeiro, v. 3, n.1, p. 9-13, 2004.

44.
PAULA, J. A.2004PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . O empresário na teoria econômica. Revista de Economia Política, São Paulo, v. 24, n.4, p. 563-583, 2004.

45.
BERNARDES, A. T.2003BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Cross-over, thresholds and interactions between science and technology: lessons for less-developed countries. Research Policy, Amsterdam, v. 32, n.5, p. 865-885, 2003.

46.
PAULA, J. A.2003PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; CROCCO, M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Conhecimento e interesse em economia. Estudos Econômicos (USP. Impresso), São Paulo, v. 33, n.3, p. 559-595, 2003.

47.
SICSÚ, J.2002SICSÚ, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . O papel de uma Agência Especial de Seguros de empréstimos no Brasil. Revista de Economia Política, São Paulo, v. 22, n.2, p. 119-135, 2002.

48.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2002ALBUQUERQUE, E. M.; CASSIOLATO, J. E. . As especificidades do sistema de inovação do setor saúde: uma discussão introdutória a partir de uma apresentação de estruturas e políticas de países desenvolvidos. Revista de Economia Política, São Paulo, v. 22, n.4, p. 134-151, 2002.

49.
BRITTO, J.2002BRITTO, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Clusters industriais na economia brasileira: uma análise exploratória a partir de dados da RAIS. Estudos Econômicos. Instituto de Pesquisas Econômicas, São Paulo, v. 32, n.1, p. 71-102, 2002.

50.
PAULA, J. A.2002PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Ciência e tecnologia na dinâmica capitalista: a elaboração neo-schumpeteriana e a teoria do capital. Ensaios FEE, Porto Alegre, v. 23, n.2, p. 825-843, 2002.

51.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2002ALBUQUERQUE, E. M.; SIMOES, R. ; BAESSA, A. R. ; CAMPOLINA, B. ; SILVA, L. A. . A distribuição espacial da produção científica e tecnológica brasileira: uma descrição de estatísticas de produção local de patentes e artigos científicos. Revista Brasileira de Inovação, Rio de Janeiro, v. 1, n.2, p. 225-251, 2002.

52.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2001ALBUQUERQUE, E. M.. Scientific infrastructure and catching up process: notes about a relationship illustrated by science and technology statistics. Revista Brasileira de Economia, Rio de Janeiro, v. 55, n.4, p. 545-566, 2001.

53.
BIAZZI, E.2001BIAZZI, E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Transnational corporations and patenting activities in Brazil: data description and statistical tests about the relative internalization of technological activities. Revista de Economia Aplicada, São Paulo, v. 5, n.2, p. 407-431, 2001.

54.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2001ALBUQUERQUE, E. M.. Notas sobre as interações entre eficiência e eqüidade como precondição para processos de catching up: uma resenha da literatura e uma sugestão sobre a construção simultânea de sistemas de inovação e sistemas de bem-estar social. Ensaios FEE, Porto Alegre (RS), v. 22, n.2, p. 53-77, 2001.

55.
PAULA, J. A.2001PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Finance and industrial evolution: introductory notes on a key relationship for the capitalist accumulation. Econômica (Niterói), Niterói, v. 3, n.1, p. 5-34, 2001.

56.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2000ALBUQUERQUE, E. M.. Domestic patents and developing countries: arguments for their study and data from Brazil (1980-1995). Research Policy, Amsterdam, v. 29, n.9, p. 1047-1060, 2000.

57.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2000ALBUQUERQUE, E. M.. Patentes domésticas: avaliando estatísticas internacionais para localizar o caso brasileiro. Ensaios FEE, Porto Alegre, v. 21, n.1, p. 119-143, 2000.

58.
ANDREASSI, T.2000ANDREASSI, T. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; MACEDO, P. B. R. ; SBRAGIA, R. . Relação entre inovação tecnológica e patentes: o caso brasileiro. RAUSP. Revista de Administração, São Paulo, v. 35, n.1, p. 63-71, 2000.

59.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2000ALBUQUERQUE, E. M.. Patentes, empresas transnacionais e atividades tecnológicas: uma avaliação da contribuição tecnológica das empresas transnacionais instaladas no Brasil a partir de estatísticas de patentes. Revista de Economia Aplicada, São Paulo, v. 4, n.2, p. 367-377, 2000.

60.
PAULA, J. A.2000PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Trabalho e conhecimento: lições de clássicos para a análise do capitalismo contemporâneo. Estudos Econômicos. Instituto de Pesquisas Econômicas, São Paulo, v. 30, n.3, p. 419-445, 2000.

61.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2000ALBUQUERQUE, E. M.. Empresas transnacionais e suas patentes no Brasil: resultados iniciais de uma investigação sobre a internalização de atividades tecnológicas. Revista de Economia Contemporânea, Rio de Janeiro, v. 4, n.2, p. 85-111, 2000.

62.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2000ALBUQUERQUE, E. M.. Informação, conhecimento e apropriação: notas sobre o significado econômico das patentes e os impactos da emergência de uma economia baseada no conhecimento. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 5, n.2, p. 243-254, 2000.

63.
BRITTO, J.2000BRITTO, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Estrutura e dinamismo de clusters industriais na economia brasileira: uma análise comparativa. Economia Ensaios, Uberlândia, v. 14/15, n.2/1, p. 25-58, 2000.

64.
SICSÚ, J.2000SICSÚ, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Inovação institucional e estímulo ao investimento privado. São Paulo em Perspectiva, v. 14, p. 108-114, 2000.

65.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E2000ALBUQUERQUE, E. M.; BARROS, L. ; GUERRA, L. ; SILVA, L. A. . Computadores e produção de serviços públicos: resultados de um investigação na Prefeitura de Belo Horizonte. IP. Informática Pública, v. 2, p. 75-94, 2000.

66.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1999ALBUQUERQUE, E. M.. Infra-estrutura de informações e sistema nacional de inovação: notas sobre o caso brasileiro. Análise Econômica (UFRGS), Porto Alegre (RS), v. 17, n.32, p. 50-69, 1999.

67.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1999ALBUQUERQUE, E. M.. National Systems of Innovation and non-OECD countries. Revista de Economia Política, São Paulo, v. 19, n.4, p. 35-52, 1999.

68.
MACEDO, P. B. R.1999MACEDO, P. B. R. ; ALBUQUERQUE, E. M. . P&D e tamanho da empresa: evidência empírica sobre a indústria brasileira. Estudos Econômicos. Instituto de Pesquisas Econômicas, São Paulo, v. 29, n.3, p. 343-365, 1999.

69.
CAMPOS, F. E.1999CAMPOS, F. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . As especificidades contemporâneas do trabalho no setor saúde. Revista de Economia Contemporânea, Rio de Janeiro (RJ), v. 3, n.2, p. 97-123, 1999.

70.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1999ALBUQUERQUE, E. M.; BARROS, L. ; GUERRA, L. . A problemática mensuração das contribuições da infra-estrutura de informações para a ampliação da produtividade: notas introdutórias para um projeto de pesquisa. IP (Belo Horizonte), v. 1, p. 27-46, 1999.

71.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1998ALBUQUERQUE, E. M.. As Múltiplas Dimensões das Patentes. Análise Econômica (UFRGS), Porto Alegre (RS), v. 16, n.29, p. 87-102, 1998.

72.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1998ALBUQUERQUE, E. M.. Patentes Segundo A Abordagem Neo-Schumpeteriana. Revista de Economia Política, São Paulo (SP), v. 18, n.4, p. 65-83, 1998.

73.
SICSÚ, J.1998SICSÚ, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Financiamento do Investimento Em P&D, Risco, Seguro: Uma Abordagem Não-Convencional. Revista Brasileira de Economia, Rio de Janeiro (RJ), v. 52, n.4, p. 675-696, 1998.

74.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1998ALBUQUERQUE, E. M.. Produção científica e sistema nacional de inovação. Ensaios FEE, Porto Alegre (RS), v. 19, n.1, p. 156-180, 1998.

75.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1997ALBUQUERQUE, E. M.. Notas sobre os determinantes tecnológicos do catching up: uma introdução à discussão sobre o papel dos sistemas nacionais de inovação na periferia. Estudos Econômicos. Instituto de Pesquisas Econômicas, São Paulo, v. 27, n.2, p. 221-253, 1997.

76.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1997ALBUQUERQUE, E. M.. A Terceira Edição de "The Economics of Industrial Innovation". Nova Economia (UFMG), Belo Horizonte (MG), v. 7, n.2, p. 215-219, 1997.

77.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1996ALBUQUERQUE, E. M.. Notas Sobre A Contribuição de Kenneth Arrow Para A Fundamentação Teórica dos Sistemas Nacionais de Inovação. Revista Brasileira de Economia, Rio de Janeiro, v. 50, n.2, p. 227-242, 1996.

78.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1996ALBUQUERQUE, E. M.. Sistema Nacional de Inovação No Brasil: Uma Análise Introdutória A Partir de Dados Disponíveis Sobre A Ciência e A Tecnologia. Revista de Economia Política, São Paulo, v. 16, n.3, p. 56-72, 1996.

79.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1996ALBUQUERQUE, E. M.. Sistemas Nacionais de Inovação e Direitos de Propriedade Industrial: Notas Introdutórias A Um Debate Necessário. Estudos Econômicos. Instituto de Pesquisas Econômicas, São Paulo, v. 26, n.2, p. 171-200, 1996.

80.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1996ALBUQUERQUE, E. M.; MACEDO, P. B. R. . Patentes de Invenção de Residentes No Brasil: Estatísticas do Período 1990-1995. Pesquisa e Planejamento Econômico (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. 26, n.3, p. 483-498, 1996.

81.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1996ALBUQUERQUE, E. M.. A Política Norte-Americana e Os Direitos de Propriedade Intelectual: Uma Discussão Introdutória Sobre As Razões da Ofensiva Por Legislações Mais Rigorosas. Ensaios FEE, Porto Alegre (RS), v. 17, n.1, p. 128-154, 1996.

82.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1996ALBUQUERQUE, E. M.. Estruturas Financeiras, Funcionalidade e Sistemas Nacionais de Inovação. Nova Economia (UFMG), Belo Horizonte (MG), v. 6, n.2, p. 113-138, 1996.

83.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1996ALBUQUERQUE, E. M.. A Nova Teoria do Crescimento: Notas Para Uma Apreciação Crítica. Archetypon, Rio de Janeiro (RJ), v. 4, n.11, p. 41-64, 1996.

84.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1995ALBUQUERQUE, E. M.; MACEDO, P. B. R. . Patentes de Invenção Concedidas A Residentes No Brasil: Indicações da Eficiência dos Gastos Em P&D. Pesquisa e Planejamento Econômico (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. 25, n.3, p. 541-548, 1995.

85.
ALBUQUERQUE, E. M.;da Motta e Albuquerque, Eduardo;Albuquerque, Eduardo da Motta;Albuquerque, E;Albuquerque, Eduardo;da Motta e Albuquerque, E.;Motta e Albuquerque, E. d.;Eduardo Albuquerque;Albuquerque, Eduardo Motta;ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E1994ALBUQUERQUE, E. M.. Uma Nota Sobre A Motivação Para Inovar das Empresas Brasileiras. Nova Economia (UFMG), Belo Horizonte (MG), v. 4, n.1, p. 257-259, 1994.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
ANDRADE, M. V. (Org.) ; ALBUQUERQUE, E. M. (Org.) . Alternativas para uma crise de múltiplas dimensões. 1. ed. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2018. v. 1. 440p .

2.
RAPINI, M. S. (Org.) ; SILVA, L. A. (Org.) ; ALBUQUERQUE, E. M. (Org.) . Economia da ciência, tecnologia e inovação: fundamentos teóricos e economia global. 1. ed. Curitiba: Editora Prismas, 2017. v. 1. 622p .

3.
ALBUQUERQUE, E. M.. (Org.) Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 1. ed. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2017. v. 1. 272p .

4.
Albuquerque, Eduardo; Suzigan, Wilson (Org.) ; KRUSS, GLENDA (Org.) ; Lee, Keun (Org.) . Developing National Systems of Innovation. 1. ed. Cheltenham/Ottawa: Edward Elgar Publishing, 2015. v. 1. 320p .

5.
ALBUQUERQUE, E. M.. Agenda Rosdolsky. 1. ed. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012. v. 1. 265p .

6.
SUZIGAN, W. (Org.) ; ALBUQUERQUE, E. M. (Org.) ; CARIO, S. (Org.) . Em busca da inovação: interação universidade-empresa no Brasil. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2011. v. 1. 463p .

7.
ALBUQUERQUE, E. M.; FERREIRA, M. J. B. (Org.) ; FONSECA, M. G. D. (Org.) ; DALCOMUNI, S. M. (Org.) ; CHAVES, C. V. (Org.) . Perspectivas do investimento em indústrias baseadas na ciência. 1. ed. Rio de Janeiro: UFRJ, 2009. v. 1. 243p .

8.
ALBUQUERQUE, E. M.; CASSIOLATO, J. E. . As especificidades do sistema de inovação do setor saúde: uma resenha da literatura como uma introdução a uma discussão do caso brasileiro. 1. ed. São Paulo: FeSBE, 2000. v. 1. 151p .

9.
ALBUQUERQUE, E. M.. Invenções, Mutações: Habermas, Offe, Arrow e As Consequências Contemporâneas do Progresso Científico-Tecnológico. 1. ed. Belo Horizonte (MG): Editora da UNA, 1996. 207p .

10.
ALBUQUERQUE, E. M.. A foice e o robô: as inovações tecnológicas e a luta operária. 1. ed. São Paulo: Página Sete, 1990. v. 1. 338p .

Capítulos de livros publicados
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Catch up: ciência e tecnologia, desenvolvimento e desafios ambientais e demográficos em tempos de uma nova revolução tecnológica. In: Mônica Viegas Andrade; Eduardo da Motta e Albuquerque. (Org.). Alternativas para uma crise de múltiplas dimensões. 1ed.Belo Hoizonte: Cedeplar-UFMG, 2018, v. 1, p. 409-424.

2.
ANDRADE, M. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Introdução. In: Mônica Viegas Andrade; Eduardo da Motta e Albuquerque. (Org.). Alternativas para uma crise de múltiplas dimensões. 1ed.Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2018, v. 1, p. 21-28.

3.
SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Prefácio. In: Renato Garcia; Márcia Rapini; Sílvio Cário. (Org.). Experiências de interação universidade-empresa no Brasil. 1ed.Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2018, v. 1, p. 22-24.

4.
ALBUQUERQUE, E. M.. Dinâmica das revoluções tecnológicas: mudança técnica, dinâmica industrial e transformações do capitalismo. In: Márcia Siqueira Rapini; Leandro Alves Silva; Eduardo da Motta e Albuquerque. (Org.). Economia da ciência, tecnologia e inovação: fundamentos teóricos e economia global. 1ed.Curitiba: Editora Prismas, 2017, v. 1, p. 39-64.

5.
ALBUQUERQUE, E. M.. Notas sobre a crise de 2008: transição para uma nova fase do capitalismo?. In: Eduardo da Motta e Albuquerque. (Org.). Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 1ed.Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2017, v. 1, p. 79-108.

6.
RAPINI, M. S. ; RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Notas sobre a ciência e a tecnologia no Brasil (1998-2012). In: Eduardo da Motta e Albuquerque. (Org.). Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 1ed.Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2017, v. 1, p. 233-252.

7.
KRUSS, G. ; LEE, K. ; SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Introduction. In: Eduardo Albuquerque; Wilson Suzigan; Glenda Kruss; Keun Lee. (Org.). Developing national systems of innovation: university-industry interactions in the Global South. 1ed.Cheltenham/Ottawa: Edward Elgar/IDRC, 2015, v. 1, p. 1-30.

8.
ALBUQUERQUE, E. M.; SUZIGAN, W. ; ARZA, V. ; DUTRENIT, G. . Matrices of university-firm interactions in Latin America. In: Eduardo Albuquerque; Wilson Suzigan; Glenda Kruss; Keun Lee. (Org.). Developing national systems of innovation: university-industry interactions in the Global South. 1ed.Cheltenham/Ottawa: Edward Elgar/IDRC, 2015, v. 1, p. 194-218.

9.
RIBEIRO, L. C. ; BRITTO, G. ; KRUSS, G. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Global interactions between firms and universities: a tentative typology and an empirical investigation. In: Eduardo Albuquerque; Wilson Suzigan; Glenda Kruss; Keun Lee. (Org.). Developing national systems of innovation: university-industry interactions in the Global South. 1ed.Cheltenham/Ottawa: Edward Elgar/IDRC, 2015, v. 1, p. 221-244.

10.
ALBUQUERQUE, E. M.. Trabalho e tecnologia na era Google: ciência, reposicionamento do trabalho e desafios para a periferia. In: Pedro de Souza. (Org.). Brasil, sociedade em movimento. 1ed.São Paulo: Paz e Terra, 2015, v. 1, p. 349-355.

11.
ALBUQUERQUE, E. M.. Inovação em Celso Furtado: criatividade humana e crítica ao capitalismo. In: Rosa Freire d'Aguiar. (Org.). Celso Furtado e a dimensão cultural do desenvolvimento. 1ed.Rio de Janeiro: E-papers Centro Internacional Celso Furtado, 2013, v. 1, p. 155-170.

12.
ALBUQUERQUE, E. M.. Tecnologias emergentes e novos desafios para as universidades. In: João Antonio de Paula. (Org.). Fórum de Estudos Contemporâneos - coletânea de conferências. 1ed.Belo Horizonte: Imprensa Universitária - UFMG, 2013, v. 1, p. 227-253.

13.
ALBUQUERQUE, E. M.; BAESSA, A. R. ; SILVA, L. A. ; RIBEIRO, L. C. . Atividade de patenteamento no Brasil e no exterior. In: Wilson Suzigan, João Furtado, Renato Garcia. (Org.). Indicadores de ciência, tecnologia e inovação em São Paulo 2010. São Paulo: Fapesp, 2011, v. 1, p. 1-55.

14.
SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . A interação entre universidades e empresas em perspectiva histórica. In: Wilson Suzgan, Eduardo Albuquerque, Sílvio Cário. (Org.). Em busca da inovação: a interação universidade-empresa no Brasil. 1ed.Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2011, v. , p. 17-43.

15.
ALBUQUERQUE, E. M.. Darimon, bancos e crédito: notas sobre os Grundrisse e a transição para o socialismo. In: João Antonio de Paula. (Org.). O Ensaio Geral: Marx e a crítica da economia política (1857-1858). Belo Horizonte: Editora Autêntica, 2010, v. , p. 139-160.

16.
ALBUQUERQUE, E. M.. Perspectiva de investimento em setores baseados em ciência. In: José Eduardo Cassiolato (Coord.); Carlos Augusto Gabrois Gadelha; Eduardo da Motta e Albuquerque; Paulo Bastos Tigre; Paulo Fernando de Moura Bezerra Cavalcanti. (Org.). Perspectivas do investimento na economia do conhecimento. Rio de Janeiro, Campinas: Synergia; UFRJ; Unicamp, 2010, v. 1, p. 223-306.

17.
ALBUQUERQUE, E. M.. Catching up no século XXI: construção combinada de sistemas de inovação e de bem-estar social. In: João Sicsú, Pedro Miranda. (Org.). Crescimento econômico: estratégias e instituições. 1ed.Rio de Janeiro: IPEA, 2009, v. , p. 55-83.

18.
ALBUQUERQUE, E. M.. Propriedade intelectual e estratégias para o desenvolvimento. In: Fábio Villares. (Org.). Propriedade intelectual: tensões entre o capital e a sociedade. São Paulo: Paz e Terra, 2007, v. , p. 140-175.

19.
ALBUQUERQUE, E. M.. Celso Furtado, a polaridade modernização-marginalização e uma agenda para a construção dos sistemas de inovação e de bem-estar social. In: João Luiz Maurity Sabóia; Fernando Cardim de Carvalho. (Org.). Celso Furtado e o Século XXI. 1ed.Barueri: Manole, 2006, v. , p. 181-203.

20.
ALBUQUERQUE, E. M.. A apropriabilidade dos frutos do progresso técnico. In: Victor Pelaez; Tamás Szmrecsányi. (Org.). Economia da inovação tecnológica. São Paulo: Editora Hucitec, 2006, v. , p. 232-259.

21.
ALBUQUERQUE, E. M.; BAESSA, A. R. ; SILVA, L. A. . Atividade de patenteamento no Brasil e no Exterior. In: Regina Gusmão. (Org.). Indicadores de ciência, tecnologia e inovação em São Paulo 2004. São Paulo: FAPESP, 2005, v. 1, p. 1-37.

22.
ALBUQUERQUE, E. M.. Lições da tragédia: limites e contradições do progresso tecnológico na União Soviética. In: João Antonio de Paula. (Org.). Adeus ao desenvolvimento: a opção do governo Lula. 1ed.Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2005, v. , p. 253-273.

23.
BERNARDES, A. T. ; RUIZ, R. M. ; RIBEIRO, L. C. ; SILVA, L. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Desenvolvimento, ciência e tecnologia: sistemas nacionais de inovação como determinante da riqueza das nações. In: João Antonio de Paula. (Org.). Adeus ao desenvolvimento: a opção do governo Lula. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2005, v. , p. 227-252.

24.
ALBUQUERQUE, E. M.; BAESSA, A. R. ; SILVA, L. A. . Patenting activity in Brazil and abroad. In: FAPESP. (Org.). Science, technology & innovation in the state of São Paulo/Brazil, 2004. 1ed.São Paulo: FAPESP, 2005, v. 1, p. 1-36.

25.
ALBUQUERQUE, E. M.. Science and technology systems in Less Developed countries: identifying a threshold level and focusing in the cases of India and Brazil. In: Henk F. Moed; Wolfgang Glänzel; Ulrich Schmoch. (Org.). Handbook of quantitative science and technology research: the use of publication and patent statistics in studies on S&T systems. Dordrecht: Kluwer Academic Publishers, 2004, v. , p. 759-778.

26.
ALBUQUERQUE, E. M.. Patentes e atividades inovativas: uma avaliação preliminar do caso brasileiro. In: Eduardo Baumgartz Viotti; Mariano de Matos Macedo. (Org.). Indicadores de ciência, tecnologia e inovação no Brasil. Campinas: Unicamp, 2003, v. , p. 329-376.

27.
BRITTO, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Structural features of industrial clusters in the Brazilian economy: a comparative analysis. In: José Eduardo Cassiolato; Helena Lastres; Maria Lúcia Maciel. (Org.). Systems of innovation and development: evidence from Brazil. Cheltenham, United Kingdom: Edward Elgar Publishers, 2003, v. , p. 544-566.

28.
ALBUQUERQUE, E. M.. Sistema de inovação e sistema de bem-estar social: notas introdutórias sobre um fio-condutor para uma discussão programática. In: João Antonio de Paula. (Org.). Economia Política da Mudança. Belo Horizonte: Autêntica, 2003, v. , p. 203-232.

29.
ALBUQUERQUE, E. M.; PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. . Inovação tecnológica e desenvolvimento. In: BDMG. (Org.). Minas Gerais do Século XXI. Belo Horizonte: Rona Editora, 2002, v. 7, p. 65-172.

30.
BRITTO, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Estrutura e dinamismo de clusters industriais na economia brasileira: uma análise exploratória a partir de dados da RAIS. In: Luís Fernando Tironi. (Org.). INDUSTRALIZAÇÃO DESCENTRALIZADA: SISTEMAS INDUSTRIAIS LOCAIS. 1ed.Brasília: IPEA, 2001, v. , p. 17-51.

31.
ALBUQUERQUE, E. M.; CAMPOS, F. E. . As especificidades contemporâneas do trabalho no setor saúde. In: Janete Castro; José Paranaguá Santana. (Org.). Negociação coletiva do trabalho em saúde. 1ed.Brasília: OPAS/OMS, 1998, v. , p. 41-79.

32.
CASSIOLATO, J. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Notas sobre a relação universidade/indústria no Brasil. In: IBICT. (Org.). Interação universidade-empresa. 1ed.Brasília: IBICT, 1998, v. , p. 26-75.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Revoluções tecnológicas e reposicionamento do trabalho. Boletim da UFMG, Belo Horizonte, p. 2 - 2, 01 maio 2017.

2.
ALBUQUERQUE, E. M.. A historic turning point in Brazil. International Socialism: a quaterly review of socialist theory, London, , v. 151, p. 17 - 36, 16 jun. 2016.

3.
ALBUQUERQUE, E. M.. A geração de 1977 trinta anos depois. O Cometa Itabirano, Belo Horizonte, p. 4 - 5, 04 jun. 2007.

4.
ALBUQUERQUE, E. M.. Sistemas nacionais de inovação e desenvolvimento. Diversa - Revista da UFMG, Belo Horizonte, , v. 5(10), p. 36 - 37, 01 out. 2006.

5.
ALBUQUERQUE, E. M.. Firmas pequenas e sistema de inovação dos Estados Unidos. Confiança - Revista do Pensamento Econômico de Minas Gerais, Belo Horizonte, , v. 2 (3), p. 46 - 56, 01 nov. 2003.

6.
ALBUQUERQUE, E. M.. Tecnologia e metamorfoses do trabalho. Em Tempo, São Paulo, p. 16 - 17, 15 ago. 1998.

7.
ALBUQUERQUE, E. M.. Impostos: a reforma necessária. Em Tempo, São Paulo, , v. 260, p. 5 - 7, 17 jul. 1992.

8.
ALBUQUERQUE, E. M.. Reformas estruturais: estatais e previdência. Em Tempo, São Paulo, , v. 259, p. 12 - 14, 15 maio 1992.

9.
ALBUQUERQUE, E. M.. Golpe militar no Peru, ameaça à AL. Estado de Minas, Belo Horizonte, , v. Gabarito, p. 9, 17 abr. 1992.

10.
ALBUQUERQUE, E. M.. La reestructuración en movimiento. INPRECOR (para América Latina), Paris, p. 3 - 8, 13 abr. 1992.

11.
ALBUQUERQUE, E. M.. Seeking a niche in the New World Order. International Viewpoint, Paris, , v. 226, p. 17 - 20, 13 abr. 1992.

12.
ALBUQUERQUE, E. M.. Chronique d'une tragédie. INPRECOR, Paris, , v. 349, p. 14 - 18, 27 mar. 1992.

13.
ALBUQUERQUE, E. M.. Maio de 1968 - marco revolucionário de um novo tempo. Estado de Minas, Belo Horizonte, , v. Gabarito, p. 5, 27 mar. 1992.

14.
ALBUQUERQUE, E. M.. A reestruturação em movimento. Em Tempo, São Paulo, , v. 257, p. 5 - 8, 13 mar. 1992.

15.
ALBUQUERQUE, E. M.. O socialismo e o 'moinho satânico': a democracia como norte. Em Tempo, São Paulo, , v. 256, p. 21 - 22, 13 dez. 1991.

16.
ALBUQUERQUE, E. M.. O socialismo e o 'moinho satânico'. Em Tempo, São Paulo, , v. 255, p. 14 - 17, 15 nov. 1991.

17.
ALBUQUERQUE, E. M.. A crítica ao 'socialismo de mercado'. Em Tempo, São Paulo, , v. 251, p. 11 - 14, 14 jun. 1991.

18.
ALBUQUERQUE, E. M.. Na vertigem da crise. Em Tempo, São Paulo, , v. 249, p. 3 - 4, 15 fev. 1991.

19.
ALBUQUERQUE, E. M.. Le plan Collor. INPRECOR, Paris, , v. 307, p. 14 - 16, 20 abr. 1990.

20.
ALBUQUERQUE, E. M.. El plan Collor y sus máscaras. INPRECOR (para América Latina), Paris, , v. 3, p. 16 - 18, 13 abr. 1990.

21.
ALBUQUERQUE, E. M.. Democracia e Forças Armadas. Em Tempo, São Paulo, , v. 234, p. 9 - 12, 19 maio 1989.

22.
ALBUQUERQUE, E. M.. O projeto de constituição de Fábio Comparato. Em Tempo, São Paulo, , v. 209, p. 6 - 7, 16 maio 1986.

23.
ALBUQUERQUE, E. M.. Plano Larida: o que o 'pacote' faz com os salários. Em Tempo, São Paulo, , v. 207, p. 4 - 5, 21 mar. 1986.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Natureza da transição e tipo de capitalismo: notas sobre o fim da economia de comando na URSS e a emergência de um capitalismo dirigido pelo estado. In: XXII Encontro Nacional de Economia Política, 2017, Campinas. XXII Encontro Nacional de Economia Política. Campinas: SEP, 2017. p. 1-25.

2.
RIBEIRO, LEONARDO COSTA ; RAPINI, MÁRCIA SIQUEIRA ; SILVA, LEANDRO ALVES ; ALBUQUERQUE, EDUARDO DA MOTTA E . Cross-border co-authorships in scientific articles and knowledge flows: Implications for investigating an emerging international system of innovation. In: II Encontro Nacional de Economia Industrial e Inovação, 2017, Rio de Janeiro. Blucher Engineering Proceedings. Rio de Janeiro: ABEIIN, 2017. p. 424.

3.
ALBUQUERQUE, E. M.. Dinâmica das revoluções tecnológicas: mudança técnica, dinâmica industrial e transformações do capitalismo. In: XVII Seminário sobre a Economia Mineira, 2016, Diamantina. XVII Seminário sobre a Economia Mineira. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2016.

4.
ALBUQUERQUE, E. M.. Lições do processo de desenvolvimento japonês: catch up completo e forging ahead bloqueado. In: XIX Encontro Nacional de Economia Política, 2014, Florianópolis. Anais do XIX Encontro Nacional de Economia Política. Niterói: SEP, 2014. v. 1. p. 1-25.

5.
ALBUQUERQUE, E. M.. Notas sobre a crise de 2008: transição para uma nova fase do capitalismo ?. In: XLI Encontro Nacional de Economia, 2013, Foz do Iguaçu. Anais do XLI Encontro Nacional de Economia. Rio de Janeiro: ANPEC, 2013.

6.
ALBUQUERQUE, E. M.. Visible seeds of socialism and metamorphoses of capitalism: socialism after Rosdolsky. In: XL Encontro Nacional de Economia, 2012, Porto de Galinhas. Anais do XL Encontro Nacional de Economia. Rio de Janeiro: ANPEC, 2012.

7.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; CUNHA, A. M. ; SUPRINYAK, C. E. ; DEUS, L. G. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; CURI, G. H. S. ; VIEIRA, M. T. . Marx in 1869: Notebook B113, The Economist and The Money Market Review. In: XVI Encontro Nacional de Economia Política, 2011, Uberlândia. Anais do XVI Encontro Nacional de Economia Política. Uberlância: Sociedade de Economia Política, 2011.

8.
ALBUQUERQUE, E. M.. Limite econômico ou metamorfoses do capitalismo?. In: V Colóquio Brasileiro em Economia Política dos Sistemas-Mundo: Crise estrutural ou transição hegemônica?, 2011, Campinas. Textos Completos V Colóquio EPSM. Florianópolis: Grupo de Pesquisa em Economia Política dos Sistemas Mundo (UFSC), 2011. p. 1-26.

9.
ALBUQUERQUE, E. M.. Mercado, tecnologia e socialismo: nota sobre a rodada atual de um debate histórico. In: IX Congresso Brasileiro de História Econômica, 2011, Curitiba. Anais IX Congresso Brasileiro de História Econômica. Curitiba: ABPHE, 2011. v. 1. p. 1-25.

10.
SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . The underestimated role of universities for development? notes on historical roots of Brazilian system of innovation. In: XVth World Economic History Congress, 2009, Utrecht. XVth World Economic History Congress. Utrecht: International Economic History Association, 2009.

11.
HERSKOVIC, B. ; RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Efeitos recíprocos entre finanças e inovação. In: XXXVII Encontro Nacional de Economia, 2009, Foz do Iguaçu (PR). Anais do XXXVII Encontro Nacional de Economia. Foz do Iguaçu (PR): ANPEC, 2009.

12.
ALBUQUERQUE, E. M.. Causa e efeito: contribuições de Marx para investigações sobre finanças e inovação. In: XIII Encontro Nacional de Economia Política, 2008, João Pessoa. Anais do XIII Encontro Nacional de Economia Política. João Pessoa: Sociedade de Economia Política, 2008.

13.
RAPINI, M. S. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Financiamento das atividades inovativas em Minas Gerais. In: XIII Seminário sobre a Economia Mineira, 2008, Diamantina. XIII Seminário sobre a Economia Mineira - Anais. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2008. v. CD.

14.
SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Interactions between firms and universities in Brazil: a historical perspective. In: Globelics, 2008, Mexico. Glbelics 2008. Mexico: Globelics 2008, 2008.

15.
ALBUQUERQUE, E. M.; SUZIGAN, W. ; CARIO, S. ; FERNANDES, A. C. ; SHIMA, W. ; BRITTO, J. ; BARCELOS, A. ; RAPINI, M. S. . An investigation on the contribution of universities and research institutes for maturing the Brazilian innovation system. In: Globelics, 2008, Mexico. Globelics 2008. Mexico: Globelics, 2008.

16.
RAPINI, M. S. ; CHAVES, C. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; CARVALHO, S. S. M. ; RIGHI, H. M. ; OLIVEIRA, V. C. P. ; SILVA, L. A. ; CRUZ, W. M. S. C. . A interação entre empresas industriais e universidades em Minas Gerais: investigando uma dimensão estratégica do sistema estadual de inovação. In: XXXVI ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA, 2008, Salvador. ANAIS DO XXXVI ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA. Salvador: ANPEC, 2008.

17.
ALBUQUERQUE, E. M.. Estratégias de desenvolvimento e propriedade intelectual. In: Intellectual Property: tensions between the logic of capital and social and developmental demands, 2007, São Paulo. livro a ser publicado, 2007.

18.
CROCCO, M. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; CAVALCANTE, A. T. M. ; BRITO, M. L. A. . Patentes e sistemas financeiros: um estudo exploratório para o Brasil. In: XII Encontro Nacional de Economia Política, 2007, São Paulo. Artigos aprovados para o XII Encontro Nacional de Economia Política.. São Paulo: Sociedade de Economia Política, 2007.

19.
ALBUQUERQUE, E. M.. Plano X mercado na história do pensamento econômico: diferentes contextos e lições de quatro rodadas de um grande debate. In: VII Congresso Brasileiro de História Econômica, 2007, Aracaju. Anais do VII Congresso Brasileiro de História Econômica. Aracaju: ABPHE, 2007.

20.
SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . A Interação entre universidades e empresas em perspectiva histórica. In: 1er Congresso Latioamericno de Historia Económica, 2007, Montevideo. 1er Congresso Latinoamericano de Historia Económica. Montevideo: Associación Uruguaya de Historia Económica, 2007.

21.
ALBUQUERQUE, E. M.. Base técnico-ciéntífica, P&D e inovação: uma avaliação do seu estágio de construção do sistema de inovação brasileiro a partir de estatísticas disponíveis de ciência e tecnologia. In: CT&I, futuro e território: prospectiva e impactos, 2006, Brasília. Estudo da dimensão territorial do PPA - Estudos Prospectivos e Setoriais - Módulo 4. Brasília: CGEE, 2006.

22.
RUIZ, R. M. ; Albuquerque, Eduardo ; RIBEIRO, LEONARDO COSTA ; BERNARDES, A. T. . Modelling the role of National System of Innovation in economical differentiation. In: Eighth Granada Lectures (Modeling Cooperative Behavior in the Social Sciences), 2005, Granada. AIP Conference Proceedings (Online). Melville: American Institute of Physics, 2005. v. 779. p. 162-165.

23.
ALBUQUERQUE, E. M.. `Inadequacy of technology´ an innovation systems at the periphery: notes on Celso Furtado´s contributions for a dialogue between evolutionists and structuralists. In: VI Congresso Brasileiro de História Econômica, 2005, Conservatória. Anais do VI Congresso Brasileiro de História Econômica. Conservatória: ABPHE, 2005.

24.
ALBUQUERQUE, E. M.; SILVA, L. A. ; RAPINI, M. S. ; SOUZA, S. A. G. . Interactions between firms and universities in an immature system of innovation. In: Globelics, 2005, Tshwane (Pretoria). Globelics 2005 Africa Conference. Tshwane (Pretoria): NACI, 2005.

25.
MACHADO, A. F. ; ANDRADE, M. V. ; ARAÚJO, A. L. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Technological gap, social gap: an investigation on the relationship between scientific and technological production and human development in Brazil. In: 17th EAEPE Annual Conference, 2005, Bremen, Alemanha. 17th EAEPE Annual Conference. Bremem, Alemanha: European Association for Evolutionary Political Economy, 2005.

26.
ALBUQUERQUE, E. M.; BAESSA, A. R. ; RUIZ, R. M. ; SILVA, L. A. ; KIRDEIKAS, J. C. V. . Identificando a posição de Belo Horizonte a partir de uma avaliação da distribuição das atividades em ciência e tecnologia por Regiões Metropolitanas do Brasil: resultados preliminares. In: XI Seminário sobre economia mineira, 2004, Diamantina. Anais do XI Seminário sobre economia mineira. Diamantina: Cederplar-UFMG, 2004.

27.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Finance and industrial evolution: introductory notes on a key relationship for the capitalist acumulation. In: VIII Encontro Nacional de Economia Política, 2003, Florianópolis (SC). Anais do VIII Encontro Nacional de Economia Política (em CD). Florianópolis (SC): Sociedade Brasileira de Economia Política, 2003.

28.
ALBUQUERQUE, E. M.. Immature systems of innovation: introductory notes about a comparison between South Africa, India, Mexico and Brazil based on science and technology statistics. In: Globelics, 2003, Rio de Janeiro. Anais da Conferência Internacional Sistemas de inovação e desenvolvimento para o Terceiro Milênio. Rio de Janeiro: IE-UFRJ/Aalborg University, 2003. v. (CD).

29.
MACHADO, A. F. ; ANDRADE, M. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Atraso social, atraso tecnológico: uma investigação sobre as relações entre produção científica-tecnológica e desenvolvimento humano no Brasil. In: XXXI Encontro Nacional de Economia, 2003, Porto Seguro. Anais do XXXI Encontro Nacional de Economia. Porto Seguro: ANPEC, 2003.

30.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; CROCCO, M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Conhecimento e interesse em economia. In: VII Encontro Nacional de Economia Política, 2002, Curitiba. Anais do VII Encontro Nacional de Economia Política, 2002.

31.
BIAZZI, E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Transnational corporations and patenting activities in Brazil: data description and statisitical tests about the relative internalization of technological activities.. In: DRUID Academy Winter Conference 2001, 2001, Klarskovgaard, Korsor. Proceedings of the DRUID Academy Conference. Copenhagen: DRUD, 2001. v. 1. p. 32-51.

32.
ALBUQUERQUE, E. M.; CASSIOLATO, J. E. . Less-developed countries and innovation in health: notes and data about the Brazilian case. In: 2ème Colloque des Economistes Français de la Santé: la dynamique de l'innovation en santé, 2001, Paris. Les Actes du Colloque: La dynamique de l'innovation en santé. Paris: Collège des Économistes de la Santé, 2001. v. A. p. A1-A21.

33.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Nações e estilos de economia política. In: XXIX Encontro Nacional de Economia, 2001, Salvador. XXIX Encontro Nacional de Economia. Salvador: ANPEC, 2001.

34.
ALBUQUERQUE, E. M.; SIMOES, R. ; BAESSA, A. R. ; CAMPOLINA, B. ; SILVA, L. A. . A distribuição espacial da produção científica e tecnológica brasileira: uma descrição de estatísticas de produção local de patentes e artigos científicos. In: XXIX Encontro Nacional de Economia, 2001, Salvador. XXIX Encontro Nacional de Economia. Salvador: ANPEC, 2001.

35.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Ciência e tecnologia na dinâmica capitalista. In: VI Encontro Nacional de Economia Política, 2001, São Paulo. Anais do VI Encontro Nacional de Economia Política. São Paulo: SEP, 2001.

36.
BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Cross-over, thresholds, and interactions between science and technology. In: 5th Annual EUNIP Conference, 2001, Viena. 5th Annual EUNIP Conference. Viena: European Network on Industrial Policy, 2001.

37.
ALBUQUERQUE, E. M.. Sistema estadual de inovação em Minas Gerais: um balanço e uma discussão sobre o papel (real e potencial) da Fapemig em sua construção. In: Inauguração das galerias de retratos de ex-dirigentes da Fapemig, 2001, Belo Horizonte. Relatório Final de Pesquisa, 2001.

38.
CASSIOLATO, J. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Conceptualizing local and national systems of innovation in developing countries: some ideas from the Mercosur Project. In: Third Triple Helix International Conference, 2000, Rio de Janeiro. Triple Helix International Conference - The Endless Transition, 2000.

39.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Teoria econômica, empresários e metamorfoses na empresa industrial. In: V Encontro Nacional de Economia Política, 2000, Fortaleza (CE). Anais do V ENEP, 2000.

40.
BRITTO, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Clusters industriais na economia brasileira: uma análise exploratória a partir de dados da RAIS. In: XXVIII ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA, 2000, Campinas (SP). Anais do XXVIII ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA. Campinas: ANPEC, 2000.

41.
ALBUQUERQUE, E. M.. Empresas transnacionais e suas patentes no Brasil: resultados iniciais de uma investigação sobre a internalização de atividades tecnológicas. In: III Jornada de Economia Política do Capitalismo Contemporâneo, 2000, Campinas. III Jornada de Economia Política do Capitalismo Contemporâneo. Campinas: Sociedade Brasileira de Economia Política, 2000.

42.
ALBUQUERQUE, E. M.. Scientific infrastructure and catching up process. In: Latin American and Caribean Economic Association - LACEA Meetings, 1999, Santiago (Chile). LACEA 1999, 1999.

43.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Trabalho e conhecimento: lições dos clássicos para a análise do capitalismo contemporâneo. In: IV Encontro Nacional de Economia Política, 1999, Porto Alegre. IV Encontro Nacional de Economia Política, 1999.

44.
CAMPOS, F. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . As especificidades contemporâneas do trabalho no setor saúde. In: V Encontro Nacional de Estudos do Trabalho (ABET), 1999, Belo Horizonte. Anais do V Encontro Nacional de Estudos do Trabalho. Belo Horizonte: ABET, 1999. v. 2. p. 1411-1435.

45.
SICSÚ, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . R&D investment, finance, risk, and insurance: a non-conventional approach. In: European Association for Evolutionary Political Economy 1998, 1998, Lisboa. X European Association for Evolutionary Political Economy Conference, 1998. v. 2. p. 719A-719L.

46.
MACEDO, P. B. R. ; ALBUQUERQUE, E. M. . P&D e tamanho da empresa: evidência empírica sobre a indústria brasileira. In: XXVI ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA, 1998, Vitória. Anais do XXVI Encontro Nacional de Economia - Anpec. Vitória: ANPEC, 1998. v. 2. p. 1059-1064.

47.
ALBUQUERQUE, E. M.. Infra-estrutura de informações e sistema nacional de inovação. In: III Encontro Nacional de Economia Política, 1998, Niterói. Anais do III Encontro Nacional de Economia Política. Niterói: SEP, 1998. v. 1. p. 364-380.

48.
ANDREASSI, T. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; MACEDO, P. B. R. ; SBRAGIA, R. . Relação entre inovação tecnológica e patentes: o caso brasileiro. In: XX Simpósio de gestão da inovação tecnológica, 1998, São Paulo. Anais do XX Simpósio de gestão da inovação tecnológica, 1998.

49.
ALBUQUERQUE, E. M.. National Systems Of Innovation And Non-Oecd Countries:Initial Notes About A Tentative Typology. In: XXV Encontro Nacional de Economia, 1997, Recife. Anais do XXV Encontro Nacional de Economia. Recife (PE), 1997. v. 1. p. 452-472.

50.
ALBUQUERQUE, E. M.. Notas Sobre Os Determinantes Tecnológicos do Processo de catching up. In: II Encontro Nacional de Economia Política, 1997, São Paulo. Anais do II Encontro Nacional de Economia Política. São Paulo (SP), 1997. p. 217-239.

51.
ALBUQUERQUE, E. M.. National Systems Of Innovation And Non-Oecd Countries: Notes About A Tentative Typology. In: Conference 1997 - European Association for Evolutionary Political Economy, 1997, Atenas. Homepage da EAEPE. Atenas (Grécia), 1997.

52.
ALBUQUERQUE, E. M.; KUPFER, D. ; MACEDO, P. B. R. . P&D e Patentes: Um Estudo Introdutório. In: XXIV Encontro Nacional de Economia, 1996. Anais do XXIV Encontro Nacional de Economia. Águas de Lindóia (SP), 1996. v. 1. p. 400-421.

53.
ALBUQUERQUE, E. M.. Curto-Circuito No Valor: Notas Sobre Um Capitalismo Onde A Aplicação da Ciência À Produção É Sistemática. In: I Encontro de Economia Clássica e Política, 1996. Anais do I Encontro de Economia de Economia Clássica e Política. Niterói (RJ), 1996. v. 12. p. 44-54.

54.
ALBUQUERQUE, E. M.. Sistema Nacional de Inovação No Brasil: Uma Análise Introdutória A Partir de Dados Disponíveis Sobre A Ciência e Tecnologia. In: XXIII Encontro Nacional de Economia, 1995. Anais do XXIII Encontro Nacional de Economia. Salvador (BA), 1995. v. 1. p. 382-402.

55.
ALBUQUERQUE, E. M.. O Reposicionamento do Trabalho: Notas Sobre A Crescente Centralidade do Trabalho Intelectual Na Sociedade Contemporânea. In: IV Encontro Nacional de Estudos do Trabalho, 1995, São Paulo. Anais do IV Encontro Nacional de Estudos do Trabalho. São Paulo (SP): ABET, 1995. v. 2. p. 935-950.

56.
ALBUQUERQUE, E. M.. Questoes Metodologicas Para Uma Elaboracao Nao-Determinista Sobre O Progresso Cientifico-Tecnologico e Seu Impacto Sobre O Trabalho: Uma Leitura de Habermas. In: III ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS SOBRE O TRABALHO (ABET), 1993, Rio de Janeiro. III ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS SOBRE O TRABALHO (ABET). RIO DE JANEIRO (RJ), 1993. v. 2. p. 937-970.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Aquem do Otimo: Kenneth Arrow, O Mercado e A Eficiencia Na Alocacao Derecursos Para A Pesquisa e A Invencao. In: XXI ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA - ANPEC, 1993, Belo Horizonte. XXI ENCONTRO NACIONAL DE ECONOMIA - ANPEC. BELO HORIZONTE (MG), 1993. v. 2. p. 698-698.

Artigos aceitos para publicação
1.
CHAVES, C. V. ; RIBEIRO, L. C. ; SANTOS, U. P. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Sistemas de inovação e mudanças na divisão centro-periferia: notas sobre uma metodologia para identificar trajetórias de países a partir de estatísticas de ciência e tecnologia. REVISTA DE LA CEPAL (IMPRESA), 2019.

Apresentações de Trabalho
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Preliminary evidences on a rudimentary international system of innovation and its implications for emerging economies. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
ALBUQUERQUE, E. M.. Brazil and the middle income trap: its long term historical roots and policies for catch up. 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
PAULA, J. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . O trabalho na era Google. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
PAULA, J. A. ; DEUS, L. G. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . New starting point(s): Marx, technological revolutions and changes in the centre-periphery divide. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . HERE, THERE AND EVERYWHERE: evidences of tectonic changes and transition to a new phase of capitalism. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; DEUS, L. G. ; SUPRINYAK, C. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . 'If we have not touched the bottom, how far are we from it?' - Marx, The Economist and The Money Market Review on the Crises of 1866. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
CERQUEIRA, H. E. A. ; SUPRINYAK, C. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Simmel e as metamorfoses do dinheiro. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
ALBUQUERQUE, E. M.. Performance of National Systems of Innovation:General observations and notes on health innovation systems. 2005. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
ALBUQUERQUE, E. M.. Interactions between universities and firms. 2005. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
PAULA, J. A. ; CAMPOS, F. E. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; KNUPP, D. ; ALBUQUERQUE, E. M. . From 3000 BC to the genome project: the persistent challenge of malaria (to human health and to human knowledge). 2003. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
ALBUQUERQUE, E. M.. Immature national systems of innovation: introducing a comparison between Brazil, Mexico, India and South Africa. 2002. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
MARQUETTI, A. ; CHAVES, C. V. ; RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Rate of profit in the United States and in China (2007-2014): introductory comparison of two trajectories. Belo Horizonte: Cedeplar, 2018 (Texto para Discussão).

2.
RIBEIRO, L. C. ; DEUS, L. G. ; LOUREIRO, P. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Changing levels of self-organization: how a capitalist economy differs from other complex systems. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2018 (Texto para Discussão).

3.
RIBEIRO, L. C. ; RAPINI, M. S. ; SILVA, L. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Cross-border co-authorships in scientific articles and knowledge flows: implications for investigating an emerging international system of innovation. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2017 (Texto para Discussão).

4.
RIBEIRO, L. C. ; DEUS, L. G. ; LOUREIRO, P. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . A network model for the complex behavior of the rate of profit: exploring a simulation model with overlapping technological revolutions. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2017 (Texto para Discussão).

5.
CHAVES, C. V. ; RIBEIRO, L. C. ; SANTOS, U. P. ; ALBUQUERQUE, E. M. . SISTEMAS DE INOVAÇÃO E MUDANÇAS NA DIVISÃO CENTRO-PERIFERIA: notas sobre uma metodologia para identificar trajetórias de países a partir de estatísticas de ciência e tecnologia. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2017 (Texto para Discussão).

6.
BRITTO, J. ; RIBEIRO, LEONARDO COSTA ; ARAUJO, L. T. ; da Motta e Albuquerque, Eduardo . Knowledge flows, firms' competencies, and patent citations: an analysis of the trajectory of IBM. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2017 (Texto para Discussão).

7.
PAULA, J. A. ; DEUS, L. G. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . New starting point(s): Marx, technological revolutions and changes in the centre-periphery divide. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2017 (Texto para Discussão).

8.
ALBUQUERQUE, E. M.. Natureza da transição e tipo de capitalismo: notas sobre o fim da economia de comando na URSS e a emergência de um capitalismo dirigido pelo estado. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2016 (Texto para Discussão).

9.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; DEUS, L. G. ; SUPRINYAK, C. E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Investigating financial innovation and stock exchanges: Marx, the Notebooks on the crisis of 1866 and structural changes in capitalism. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2015 (Texto para Discussão).

10.
RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . TRANSITION TOWARDS A NEW PHASE? The crisis of 2007-2008 and its impact on current metamorphosis of capitalism. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2015 (Texto para Discussão).

11.
RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . THE ROLE OF PERIPHERY IN THE CURRENT TRANSITION TOWARDS A NEW PHASE OF CAPITALISM: introductory questions on the changes of the centre-periphery divide. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2015 (Texto para Discussão).

12.
RIBEIRO, L. C. ; LOUREIRO, P. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . MARX, PROFITS AND FRACTAL PROPERTIES: notes on countertendencies to the fall of the rate of profit, simulation models and metamorphoses of capitalism. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2015 (Texto para Discussão).

13.
ALBUQUERQUE, E. M.. Lições do processo de desenvolvimento japonês: catch up completo e forging ahead bloqueado. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2014 (Texto para Discussão).

14.
ALBUQUERQUE, E. M.. Inovação em Celso Furtado: criatividade humana e crítica ao capitalismo. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2013 (Texto para Discussão).

15.
ALBUQUERQUE, E. M.. Valor, capital e instituições sociais em Carl Menger: contribuições de uma obra inacabada. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2013 (Texto para Discussão).

16.
ALBUQUERQUE, E. M.. Notas sobre a crise de 2008: transição para uma nova fase do capitalismo?. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2013 (Texto para Discussão).

17.
RIBEIRO, L. C. ; KRUSS, G. ; BRITTO, G. ; RUIZ, R. M. ; BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Unveiling Global Innovation Networks. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2012 (Texto para Discussão).

18.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; CUNHA, A. M. ; SUPRINYAK, C. E. ; DEUS, L. G. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; CURI, G. H. S. . Marx in 1869: Notebook B113, The Economist and The Money Market Review. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2011 (Texto para Discussão).

19.
ALBUQUERQUE, E. M.; BRITTO, G. ; CAMARGO, O. S. ; KRUSS, G. . Global interactions between firms and universities: global innovation networks as first steps towards a Global Innovation System. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2011 (Texto para Discussão).

20.
BRITTO, G. ; KRUSS, G. ; ALBUQUERQUE, E. M. . The role of institutional frameworks and local-global interactions in the emerging countries in the emergence and evolution of GINs. Milan: FEEM, 2011 (Relatório de Pesquisa).

21.
SUZIGAN, W. ; RAPINI, M. S. ; ALBUQUERQUE, E. M. . A changing role for universities in the perriphery. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2011 (Texto para Discussão).

22.
ALBUQUERQUE, E. M.. Visible seeds of socialism and metamorphoses of capitalism: socialism after Rosdolsky. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2011 (Texto para Discussão).

23.
ALBUQUERQUE, E. M.; KRUSS, G. ; BRITTO, G. . Firm ownership and university-industry linkages. Milão (Itália): FEEM-Ingienus Project, 2011 (Relatório de Pesquisa).

24.
ALBUQUERQUE, E. M.. Limite econômico ou metamorfoses do capitalismo?. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2011 (Texto para Discussão).

25.
ALBUQUERQUE, E. M.. Mercado, tecnologia e socialismo: notas sobre a rodada atual de um debate histórico. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2011 (Texto para Discussão).

26.
ALBUQUERQUE, E. M.. A Agenda Rosdolsky. Belo Horizonte: Departamento de Ciências Econômicas-UFMG, 2010 (Tese apresentada para candidatura a Professor Titular).

27.
ALBUQUERQUE, E. M.. Darimon, bancos e crédito: notas sobre os Grundrisse e a transição para o socialismo. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2009 (Texto para Discussão).

28.
ALBUQUERQUE, E. M.. Causa e efeito: contribuições de Marx para investigações sobre finanças e inovação. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2008 (Texto para Discussão).

29.
SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . A interação entre universidades e empresas em perspectiva histórica no Brasil. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2008 (Texto para Discussão).

30.
HERSKOVIC, B. ; RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Efeitos recíprocos entre finanças e inovação. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2008 (Texto para Discussão).

31.
RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Matrices of science and technology interactions: implications for development. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2008 (Texto para Discussão).

32.
ALBUQUERQUE, E. M.. Plano X mercado na história do pensamento econômico: diferentes contextos e lições de quatro rodadas de um grande debate 2007 (Texto para Discussão).

33.
ALBUQUERQUE, E. M.. Base técnico-científica, P&D e inovação 2007 (Relatório de Pesquisa).

34.
SUZIGAN, W. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Pesquisa sobre a interação universidade-empresa no Brasil. Campinas: Instituto Uniemp, 2007 (Artigo).

35.
RAPINI, M. S. ; ALBUQUERQUE, E. M. ; SILVA, L. A. ; SOUZA, S. A. G. ; RIGHI, H. M. ; CRUZ, W. M. S. C. . Spots of interaction: an investigation on the relationship between firms and universities in Minas Gerais, Brazil 2006 (Texto para Discussão).

36.
RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . The curse of technological race: the red queen effect. Belo Horizonte: Cedeplar-UMG, 2006 (Texto para Discussão).

37.
BERNARDES, A. T. ; RUIZ, R. M. ; RIBEIRO, L. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Modeling economic growth fueled by science and technology 2006 (Texto para Discussão).

38.
ALBUQUERQUE, E. M.. Interação entre ciência e tecnologia no Brasil: notas sobre a relação entre P&D industrial e a importância das universidades para as empresas 2005 (Texto para Discussão).

39.
ALBUQUERQUE, E. M.. Inadequacy of technology and innovation systems at the periphery: notes on Celso Furtado's contributions for a dialogue between evolutionists and structuralists. Belo Horizonte: Cedeplar-UFMG, 2005 (Texto para Discussão).

40.
ALBUQUERQUE, E. M.; SILVA, L. A. ; PÓVOA, L. M. C. . Diferenciação intersetorial na interação entre empresas e universidades no Brasil 2005 (Texto para Discussão).

41.
ALBUQUERQUE, E. M.; SILVA, L. A. ; RAPINI, M. S. ; SOUZA, S. A. G. . INTERACTIONS BETWEEN FIRMS AND UNIVERSITIES IN AN IMMATURE SYSTEM OF INNOVATION: a survey of industrial R&D-performers firms in Minas Gerais, Brazil 2005 (Texto para Discussão).

42.
CHAVES, C. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Desconexão no sistema de inovação no setor saúde: uma avaliação preliminar do caso brasileiro a partir de estatísticas de patetentes e artigos 2004 (Texto para Discussão).

43.
MACHADO, A. F. ; ANDRADE, M. V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Atraso tecnológico, atraso social: uma investigação sobre as relações entre produção científico-tecnológica e desenvolvimento humano no Brasil 2003 (Texto para Discussão).

44.
ALBUQUERQUE, E. M.. Immature systems of innovation: introductory notes about a comparison between South Africa, India, Mexico and Brazil based on science and technology statistics 2003 (Texto para Discussão).

45.
ALBUQUERQUE, E. M.. The multifaceted role of small firms in the US NSI: sources, dynamics, and supportive institutions. Rio de Janeiro: IE-UFRJ (www.ie.ufrj.br/redesist/ntf2/, 2002 (Relatório de Pesquisa).

46.
BERNARDES, A. T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Cross-over, thresholds, and interactions between science and technology: a tentative simplified model and initial notes about statistics from 120 countries. 2001 (Texto para Discussão).

47.
CARVALHO, P. G. M. ; ANDREASSI, T. ; ALBUQUERQUE, E. M. . P&D, patentes, capacitação de recursos humanos e produtividade: notas sobre o caso brasileiro 2000 (Texto para Discussão).

48.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Teoria econômica, empresários e metamorfoses na empresa industrial 2000 (Texto para Discussão).

49.
ALBUQUERQUE, E. M.. Patentes de empresas transnacionais e fluxos tecnológicos com o Brasil: observações iniciais a partir de estatísticas de patentes depositadas e concedidas pelo INPI 2000 (Texto para Discussão).

50.
ALBUQUERQUE, E. M.. Patentes domésticas: avaliando estatísticas internacionais para localizar o caso brasileiro 1999 (Texto para Discussão).

51.
ALBUQUERQUE, E. M.. Domestic patents and develping countries: arguments for their study and data from Brazil (1980-1995) 1999 (Texto para Discussão).

52.
MACEDO, P. B. R. ; ALBUQUERQUE, E. M. . P&D e Tamanho da Empresa: Evidência Empírica Sobre A Indústria Brasileira 1997 (Texto para Discussão).

53.
ALBUQUERQUE, E. M.; CASSIOLATO, J. E. ; BRITTO, J. ; GADELHA, C. G. . A relação universidade e instituições de pesquisa com o setor industrial 1996 (Relatório de Pesquisa).

54.
ALBUQUERQUE, E. M.. Sistema nacional de inovação e direitos de propriedade intelectual: notas introdutórias a um debate necessário 1996 (Texto para Discussão).

55.
ALBUQUERQUE, E. M.. Políticas industriais e sistema nacional de inovação no Japão 1996 (Relatório de Pesquisa).

56.
ALBUQUERQUE, E. M.. A política norte-americana e os direitos de propriedade intelectual: uma discussão introdutória sobre as razões da ofensiva por legislações mais rigorosas 1995 (Texto para Discussão).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Formas institucionais de terceirização de serviços de saúde e regulação. 2001.

Trabalhos técnicos
1.
GIRARDI, S. ; NOGUEIRA, R. ; ALBUQUERQUE, E. M. . A criação de salas de auto-atendimento para consumidores de planos de saúde. 2000.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Fluxos transacionais do conhecimento. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. G. ; DEUS, L. G. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Pesquisadores da Face estudam manuscritos inéditos de Marx. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
RIBEIRO, LEONARDO COSTA ; RAPINI, MÁRCIA SIQUEIRA ; SILVA, LEANDRO ALVES ; ALBUQUERQUE, E. M. . International collaborations growing exponentially. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
GIROLETTI, D. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Novas perspectivas do capitalismo internacional. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
ALBUQUERQUE, E. M.. Developing NSIs. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. TECNOLOGIAS EMERGENTES E CENÁRIOS TECNOLÓGICOS PARA O BRASIL: uma avaliação prospectiva como uma introdução a uma discussão dos impactos sobre o trabalho - Relatório Final. 2017. (Relatório de pesquisa).

2.
SUZIGAN, W. ; KUPFER, D. ; BRITTO, J. ; PÓVOA, L. M. C. ; DELGADO, I. J. G. ; BIELSCHOWSKY, R. ; BRITTO, G. ; JAYME JR, F. G. ; LIBANIO, G. A. ; RUIZ, R. M. ; DOMINGUES, E. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Tópicos em Política Industrial. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
ALBUQUERQUE, E. M.; BUENO, M. A. ; CARNEVALI, R. O. . CHINA E A RECONFIGURAÇÃO DO CAPITALISMO MUNDIAL - RELATÓRIO Nº 08 ? PARTE 3. 2012. (Relatório de pesquisa).

4.
ALBUQUERQUE, E. M.; CARDOSO, V. L. . RELATÓRIO FINAL: METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO DOS RESULTADOS DE CONJUNTOS DE PROJETOS APOIADOS POR FUNDOS DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO. 2012. (Relatório de pesquisa).

5.
LEMOS, M. B. ; NEGRI, J. ; RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . COMPARAÇÃO DOS CAMPOS CIENTÍFICOS DE EXCELÊNCIA NO BRASIL E NO EXTERIOR - RELATÓRIO Nº 09. 2010. (Relatório de pesquisa).

6.
ALBUQUERQUE, E. M.; CHAVES, C. V. ; RIBEIRO, L. C. ; RAPINI, M. S. ; OLIVEIRA, V. C. P. ; SILVA, L. A. . Indicadores de ciência e tecnologia para Minas Gerais. 2010. (Relatório de pesquisa).

7.
ALBUQUERQUE, E. M.; FERREIRA, M. J. B. ; FONSECA, M. G. D. ; DALCOMUNI, S. M. ; CHAVES, C. V. . Perspectivas do investimento nas indústrias baseadas na ciência. 2009. (Relatório de pesquisa).

8.
LEMOS, M. B. ; NEGRI, J. ; RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . FUNDOS SETORIAIS E SISTEMA NACIONAL DE INOVAÇÃO: UMA AVALIAÇÃO EXPLORATÓRIA - RELATÓRIO N° 1. 2009. (Relatório de pesquisa).

9.
LEMOS, M. B. ; NEGRI, J. ; RIBEIRO, L. C. ; RUIZ, R. M. ; ALBUQUERQUE, E. M. . CONTRIBUIÇÃO DOS FUNDOS SETORIAIS PARA A MUDANÇA NA BASE TECNOLÓGICA DO PAÍS - RELATÓRIO Nº 06. 2009. (Relatório de pesquisa).

10.
ALBUQUERQUE, E. M.; RIBEIRO, L. C. ; CHAVES, C. V. ; RAPINI, M. S. ; OLIVEIRA, V. C. P. ; SILVA NETO, F. C. C. E. . Indicadores de ciência e tecnologia para Minas Gerais. 2009. (Relatório de pesquisa).

11.
ALBUQUERQUE, E. M.; RIBEIRO, L. C. ; OLIVEIRA, V. C. P. ; SILVA NETO, F. C. C. E. ; RAPINI, M. S. . Prospecção tecnológica: metodologia de prospecção tecnológica - workshops de prospecção tecnológica. 2009. (Relatório de pesquisa).

12.
ALBUQUERQUE, E. M.; OLIVEIRA, M. H. S. ; OLIVEIRA, V. C. P. ; SILVA NETO, F. C. C. E. . Finaciamento à inovação em Minas Gerais: estudo do financiamento das atividades inovativas. 2009. (Relatório de pesquisa).

13.
ALBUQUERQUE, E. M.. Sistema de inovação, economia do conhecimento e desenvolvimento: Desafios e oportunidades para o estado de Minas Gerais. 2007. (Relatório de pesquisa).

14.
GIRARDI, S. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Rede hospitalar filantrópica no Brasil: perfil histórico-institucional e oferta de serviços. 2001. (Relatório de pesquisa).

15.
ALBUQUERQUE, E. M.. Sistema estadual de inovação em Minas Gerais: um balanço introdutório e uma discussão do papel da Fapemig para a sua construção. 2001. (Relatório de pesquisa).

16.
ALBUQUERQUE, E. M.. Análise da performance produtiva e tecnológica dos clusters industriais na economia brasileira. 2000. (Relatório de pesquisa).

17.
ALBUQUERQUE, E. M.; CASSIOLATO, J. E. . Estudos FeSBE I: As especificidades do sistema de inovação do setor saúde. 1999. (Relatório de pesquisa).

18.
ALBUQUERQUE, E. M.. A problemática mensuração das contribuições da infra-estrutura de informações para a ampliação da produtividade. 1999. (Relatório de pesquisa).

19.
ALBUQUERQUE, E. M.. As maiores empresas transnacionais e seus fluxos tecnológicos com o Brasil: observações iniciais a partir de estatísticas de patentes depositadas e contratos averbados no INPI. 1999. (Relatório de pesquisa).

Demais trabalhos
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. National Systems Of Innovation And Non-Oecd Countries: Notes About A Tentative Typology. 1997 (Texto para Discussão) .

2.
ALBUQUERQUE, E. M.. Brazilian National System Of Innovation: What R&D And Patent Statistics Show?. 1997 (Working in progress paper) .

3.
SICSÚ, J. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Financiamento do Investimento Em P&D, Risco e Seguro: Uma Abordagem Não-Convencional. 1996 (Texto para Discussão) .

4.
ALBUQUERQUE, E. M.; MACEDO, P. B. R. . Who Patents In Brazil? A Look At The Period 1990-1995. 1996 (Textos para Discussão) .

5.
ALBUQUERQUE, E. M.; MACEDO, P. B. R. . Patentes de invenção concedidas a residentes no Brasil: indicações da eficiência dos gastos em P&D. 1995 (Texto para Discussão) .

6.
ALBUQUERQUE, E. M.. Curto-circuito no valor: notas sobre o reposicionamento do trabalho e seu impacto econômico-social. 1994 (Texto para Discussão) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BONACELLI, M. B. M.; FURTADO, A. T.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Victo José da Silva Neto. Sistema setorial de inovação: fundamentos e elementos críticos para uma nova mesoeconomia. 2018. Dissertação (Mestrado em Política Científica e Tecnológica) - Universidade Estadual de Campinas.

2.
CERQUEIRA, H. E. A.; FIGUEIREDO, L.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Luiz Henrique Pacheco. Amartya Sen, leitor de Adam Smith. 2016. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
MARIUTTI, E. B.; VIEIRA, C. A. C.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Lucas Morato Araújo. O debate Brenner-Arrighi e a questão da unidade de análise. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência Econômica) - Universidade Estadual de Campinas.

4.
BRITTO, J.; VARGAS, M.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Lucas Teixeira de Araújo. Interação universidade-empresa: uma caracterização dos grupos de pesquisa brasileiros. 2014. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal Fluminense.

5.
COUTINHO, M. C.; MARIUTTI, E. B.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Pedro Mendes Loureiro. Poder de Estado e o capital: uma apreciação da transição para o Estado capitalista contemporâneo e da relação entre o político e o econômico em Bob Jessop. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Econômica) - Universidade Estadual de Campinas.

6.
MILLAN, R. D. S.; SILVA, A. M.; SPEZIALI, M. G.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Raissa De Luca Guimarães. Evolução do sistema de patentes, panorama atual e alguns dos principais desafios para um futuro próximo. 2013. Dissertação (Mestrado em Inovação Biofarmacêutica (Profissional)) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
PENA, R. T.; ARABE, J. N. C.; MILLAN, R. D. S.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Maria das Graças Fernandes Araújo. Ambiente regulatório no qual se inserem as instituições ciewntíficas e tecnológicas brasileiras e aspectos comparativos com as congêneres da Alemanha e dos Estados Unidos. 2012. Dissertação (Mestrado em Inovação Biofarmacêutica (Profissional)) - Universidade Federal de Minas Gerais.

8.
CERQUEIRA, H. E. A.; SUPRINYAK, C. E.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Marcus Sérgio Martins Aguiar. David Hume: economia e processo civilizatorio. 2012. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

9.
GUIMARAES, J. R.; MITRE, A. F. M.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Pedro Henrique de Souza Otoni. A Nação e seu labirinto: a "dependência" e o desencontro entre a democracia e a Nação. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Federal de Minas Gerais.

10.
POSSAS, M. L.; MELLO, M. T. L.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Gabriel Dib Tebechrani Neto. Patentes, apropriação e concorrência em uma abordagem evolucionária. 2010. Dissertação (Mestrado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

11.
ZAMBALDE, A. L.; CASTRO, C. C.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Antônio Rodrigues Barbosa Júnior. Universidades, patentes e inovação: estudo sobre o processo de transferência de tecnologia universidade-empresa. 2009. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Lavras.

12.
BARBOSA, A. C. Q.; SANTOS, F. B. T.; MUNIZ, R. M.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Daniel Paulino Teixeira Lopes. Inovação em gestão e em formatos organizacionais: um estudo em organizações brasileiras e portuguesas. 2009. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Minas Gerais.

13.
RUIZ, R. M.; SILVA, E. M. P. E.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Ulisses Pereira dos Santos. Ambiente institucional e inovação na siderurgia de Minas Gerais. 2009. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

14.
LEAO, C. F. R.; CASSIOLATO, J. E.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Sálua Saud Bueno. Impacto da cooperação e da capacidade de absorção nos resultados de inovação das firmas da indústria brasileira. 2008. Dissertação (Mestrado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

15.
HERCOVITZ, A.; GRASSI, R.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Cleonice Ferreira Duarte dos Santos. Direitos de propriedade intelectual, novas formas de concorrência e modificação da natureza do progresso técnico: uma análise exploratória. 2007. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal do Espírito Santo.

16.
ALVES, J. E. D.; Cavenaghi, M. S.; CORTES, S. C.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Rommel Cysne. Exclusão digital: desafios para a consolidação da cidadania. 2007. Dissertação (Mestrado em Estudos Populacionais e Pesquisas Sociais) - Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

17.
PAULA, J. A.; FILGUEIRAS, Sérgio; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Tharsila Reis de Medeiros. Entraves ao desenvolvimento da tecnologia nuclear no Brasil. 2005. Dissertação (Mestrado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional.

18.
CASSIOLATO, J. E.; BRITTO, J.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Márcia Siqueira Rapini. Interação universidade-indústria no Brasil: uma análise exploratória a partir do Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq. 2004. Dissertação (Mestrado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

19.
DALCOMUNI, S. M.; SANTOS, J. C.; BRASIL, G. H.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Júlio César dos Santos. Propriedade intelectual com ênfase em trade secrets. 2003. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal do Espírito Santo.

20.
CROCCO, M.; MAIA, M. F. R.; BRITTO, J.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Maria de Fátima Rocha Maia. A Importância da Indústria Têxtil no Desenvolvimento do Município de Montes Claros. 2001. Dissertação (Mestrado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional.

21.
BRITTO, J.; CAMPELO, P. G.; SICSÚ, J.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Pedro Guedes Campelo. Investimento inovativo: a questão do financiamento.. 2000. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal Fluminense.

22.
GUERRA, C.; CASTRO, E. R. B.; PEREIRA, A.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Eurico Rocha Barbosa Castro. Reestruturação produtiva na indústria têxtil. 2000. Dissertação (Mestrado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional.

23.
PAULA, T. H. P.; DALCOMUNI, S. M.; HERCOVITZ, A.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Teófilo Henrique P. de Paula. Tecnologia e arcabouço institucional: as transformações recentes no setor de telecomunicações no Brasi numa abordagem evolucionista. 1999. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal do Espírito Santo.

Teses de doutorado
1.
TRIGUEIRO, M. G. S.; MIGUEL, L. F.; SOBRAL, F. A. F.; MOLLO, M. L. R.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Edemilson Cruz Santana Junior. Dinheiro e poder social: um estudo sobre Bitcoin. 2018. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

2.
CERQUEIRA, H. E. A.; SUPRINYAK, C. E.; PRADO, E. F. S.; DEQUECH FILHO, D.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Marcelo Soares Bandeira de Mello Filho. Escola francesa da regulação, escola da estrutura social de acumulação e as etapas do capitalismo. 2016. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
HIRATUKA, C.; SARTI, F.; URRACA-RUIZ, A.; GOMES, R.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Pedro Carvalho de Miranda. A internacionalização das atividades tecnológicas e a inserção dos países em desenvolvimento: uma análise baseada em dados de patentes. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Econômica) - Universidade Estadual de Campinas.

4.
PAULA, J. A.; NAKATANI, P.; CARCANHOLO, M. D.; CERQUEIRA, H. E. A.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Adriano Lopes Almeida Teixeira. A genealogia da mais-valia: filosofia, economia e crítica da economia política. 2014. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
CASSIOLATO, J. E.; SZAPIRO, M. H. S.; MARTINS, L.; RODRIGUES, A. H.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Maria Gabriela von Bochkor Podcameni. Sistemas de inovação e energia eólica: a experiência brasileira. 2014. Tese (Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
MACHADO, A. F.; MENEZES, T. A.; MELO, F. L. B.; DOMINGUES, E.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Felipe Lacerda Diniz Leroy. A indústria de audiovisual no Brasil. 2013. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
CASSIOLATO, J. E.; GADELHA, C. G.; FERREIRA JUNIOR, H. M.; FONSECA, M. G. D.; MARTINS, L.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Fábio Batista Mota. Ensaios em economia política da saúde. 2013. Tese (Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
CASSIOLATO, J. E.; INVERNIZZI, N.; TIGRE, P. B.; SZAPIRO, M. H. S.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Flávio José Marques Peixoto. Nanotecnologia e sistemas de inovação: implicações para política de inovação no Brasil. 2013. Tese (Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
SZAPIRO, M. H. S.; CASSIOLATO, J. E.; STALLIVIERI, F.; MARTINS, L.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Ana Czeresnia Costa. Política de inovação brasileira: análise dos novos instrumentos operados pela FINEP. 2013. Tese (Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
FERREIRA, C. G.; FERREIRA, J. A. S.; MACEDO, L. A. M.; PEREIRA, L. M.; DIAS, A. V. C.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Roney Versiani Sindeaux. Mercado de trabalho e controle do processo de trabalho na indústria: um estudo no Norte de Minas. 2012. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

11.
BRITTO, J.; FEIJO, C. A. V. C.; GUIMARAES, E. A.; GUANZIROLLI, C. H.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Lenildo Fernandes Silva. Teoria econômica, progresso tecnológico e desenvolvimento: a experiência brasileira de política industrial e tecnológica. 2012. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal Fluminense.

12.
POSSAS, M. L.; KUPFER, D.; PONDE, J. L. S. P. S.; VERMULM, R.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Ian Ramalho Guerriero. Formulação e avaliação de política industrial e o caso da PDP. 2012. Tese (Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

13.
FARIA, L. A. E.; FONSECA, P. C. D.; CARIO, S.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Cesar Stallbaum Conceição. Da revolução industrial à revolução da informação: uma análise evolucionária da industrialização da América Latina. 2012. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

14.
SINGER, A. V.; MUSSE, R.; FILGUEIRAS, F. B.; GUIMARAES, J. R.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Gleyton Carlos da Silva Trindade. Marx e o republicanismo: reflexões em torno da liberdade e dos fundamentos do Estado ético-político. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Federal de Minas Gerais.

15.
BARCELOS, A.; RUFFONI, J.; VIEIRA, L. M.; LAHORGUE, M. A. O. C.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Daniel Pedro Puffal. Os determinantes da interação universidade-empresa e o desenvolvimento tecnológico das empresas. 2011. Tese (Doutorado em Administração) - Universidade do Vale do Rio dos Sinos.

16.
PAULA, J. A.; CERQUEIRA, H. E. A.; MOLLO, M. L. R.; SOUZA, M. D.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Leonardo Gomes de Deus. Reconstrução categorial de O Capital à luz de seus esboços: a instauração da crítica da economia política (1857, 1863). 2010. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

17.
RESENDE, M. F. C.; AMADO, A. M.; BRITTO, G.; GALA, P. S. O. S.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Daniela Almeida Raposo Tavares. Liquidez internacional e crescimento econômico: uma análise Pós-Keynesiana da experiência mundial. 2010. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

18.
CASSIOLATO, J. E.; MARTINS, L.; TIGRE, P. B.; VARGAS, M.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Márcia Siqueira Rapini. Financiamento dos investimentos em inovação no Brasil. 2010. Tese (Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

19.
CASSIOLATO, J. E.; ERBER, F.; LAPLANE, M.; MARTINS, L.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Priscilla Koller Rodrigues Vieira. Política nacional de inovação no Brasil: releitura das estratégias do período 1995-2006. 2009. Tese (Doutorado em Economia da Indústria e da Tecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

20.
CARVALHO, F. M. A.; BATISTA, A. P.; BUENO, N. P.; TOYOSHIMA, S. H.; SANTOS, M. L.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Angelita Pereira Batista. Mudanças tecnológicas e institucionais no Brasil na década de 90: uma análise da indústria farmacêutica. 2003. Tese (Doutorado em Economia Aplicada) - Universidade Federal de Viçosa.

21.
SILVA, J. M. A.; NASCIMENTO, R. C.; LÍRIO, V. S.; CAVALCANTI, J. E. A.; CARVALHO, F. M. A.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Rosana do Carmo Nascimento. Capital estrangeiro e inovação tecnológica no complexo agroindustrial brasileiro. 2002. Tese (Doutorado em Economia Aplicada) - Universidade Federal de Viçosa.

Qualificações de Doutorado
1.
GUIMARAES, J. R.; FILGUEIRAS, F. B.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Gleyton Carlos da Silva Trindade. Republicanismo e marxismo: sobre o político como fundamento da liberdade. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência Política) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
CERQUEIRA, H. E. A.; COUTINHO, M. C.; PAULA, J. A.; ALBUQUERQUE, E. M.. Participação em banca de Carlos Eduardo Suprinyak. A crise comercial da década de 1620 e a consolidação do discurso econômico do início do século XVII. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto A (Área: Teoria das Relações Internacionais e Segurança)). 2018. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto A (Área: Economia Internacional e Economia Monetária e Financeira Internacional). 2016. Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
FERES, F. L. C.; BATISTA, N. N. F.; SATYRO, N. G. D.; MACHADO, A. F.; ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto (Área: Economia do Bem-Estar Social). 2014. Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
AVELAR, A. P.; VERISSIMO, M. P.; ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto (Área: Microeconomia, Economia Industrial e da Tecnologia). 2013. Universidade Federal de Uberlândia.

5.
PRADO, E. F. S.; PAULANI, L. M.; MALTA, M. M.; PAULA, J. A.; ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto (Área História do Pensamento Econômico e Economia Política). 2010. Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto (Área: Microeconomia/Organização Industrial). 2009. Universidade Federal Fluminense.

7.
ANDRADE, M. V.; ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto (Área Economia da Saúde). 2009. Universidade Federal de Minas Gerais.

8.
ANIBAL, C.; ALBUQUERQUE, E. M.. Concurso para Professor Adjunto (Área de Economia Industrial - Gestão da Produção) - Departamento de Engenharia da Produção. 1998. Universidade Federal de Minas Gerais.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
26th Seoul Journal of Economics International Symposium.Political economy of the middle income trap. 2018. (Simpósio).

2.
4o Congresso do Centro Celso Furtado. Políticas de inovação para a indústria 4.0: notas sobre uma nova revolução tecnológica e sobre uma agenda global de reformas para orientar políticas de inovação. 2018. (Congresso).

3.
I Seminário de Avaliação de Políticas de CT&I.Sistemas de inovação, acumulação científica nacional e o aproveitamento de janelas de oportunidade. 2018. (Seminário).

4.
69 Reunião Anual da SBPC. Sistemas internacionais de inovação e de bem-estar social: notas introdutórias sobre três desafios globais e para localizar o papel do Brasil no contexto da ciência e tecnologia mundial. 2017. (Congresso).

5.
Capital.150: Marx's Capital and today.New starting point(s): Marx, technological revolutions and changes in the centre-periphery divide. 2017. (Seminário).

6.
I Encontro Nacional de Economia Industrial e Inovação.Sistema de inovação no Brasil: notas para uma discussão. 2016. (Encontro).

7.
The transformation of research in the South: policies and outcomes.Mapping international knowledge flows: three dimensions for a framework to evaluate transnational cooperation in research. 2016. (Seminário).

8.
XVII Seminário sobre a Economia Mineira.Contratendências em ação: notas sobre a transição para uma nova fase do capitalismo global. 2016. (Seminário).

9.
International Conference MEGA and Marxian discourses on economic crises.INVESTIGATING FINANCIAL INNOVATION AND STOCK EXCHANGES: Marx, the Notebooks on the crisis of 1866 and structural changes in capitalism. 2015. (Seminário).

10.
RESEARCH SEMINAR IN EUROPEAN & INTERNATIONAL STUDIES.The role of periphery in the current transition towards a new phase of capitalism. 2015. (Seminário).

11.
Workshop on Crises and transformation of capitalism: Marx's investigations and contemporary analysis.Here, there and everywhere: evidences of tectonic changes and transition to a new phase of capitalism. 2015. (Seminário).

12.
Worskhop In pursuit of innovation, competitiveness and development.Global knowledge economy? introductory notes from a literature review. 2015. (Simpósio).

13.
A Atualidade do Pensamento de Celso Furtado.THE ROLE OF PERIPHERY IN THE CURRENT TRANSITION TOWARDS A NEW PHASE OF CAPITALISM: introductory questions on the changes of the centre-periphery divide. 2014. (Seminário).

14.
BRAZIL: WHAT TO EXPECT IN 2015.Brazil: challenges for 2015. 2014. (Seminário).

15.
Seminário de Pesquisa do IE-UFRJ.Dinâmica tecnolõgica e metamorfoses do capitalismo. 2014. (Seminário).

16.
15 Congresso Brasileiro de Mineração. O papel da mineração no desenvolvimento econômico - a construção combinada do sistema de inovação e do sistema de bem-estar social. 2013. (Congresso).

17.
2 Congresso Brasileiro de Política, Planejamento e Gestão em Saúde (ABRASCO). Inovação e complexo econômico industrial da saúde. 2013. (Congresso).

18.
GIST Symposium: Brazil's innovation system - challenges and opportunities.The understimated role of universities in the Brazilian Innovation System. 2013. (Simpósio).

19.
36 Encontro Anual da ANPOCS. Simmel e as metamorfoses do dinheiro (na Mesa Redonda 17: O dinheiro como provocação às ciências sociais. Inquirições a partir de Georg Simmel e sua filosofia do dinheiro). 2012. (Congresso).

20.
Ciclo de Debates FEE: Reflexões sobre o pós-neoliberalismo.A metamorfose do capitalismo e a crise de 2007-2008. 2012. (Seminário).

21.
Fórum de Estudos Contemporâneos - 3 Seminário.As Tecnologias e o mundo contemporâneo. 2012. (Seminário).

22.
Seminário do Prog. de Pós-Grad. em Economia Aplicada da UFJF.Limite econômico ou metamorfoses do capitalismo?. 2012. (Seminário).

23.
XV Seminário sobre a Economia Mineira.Indústria, ciência e tecnologia. 2012. (Seminário).

24.
15a Semana FACE.Relação universidade/empresa e a produção da inovação. 2011. (Simpósio).

25.
A informação e o conhecimento sob as lentes do marxismo.Ciência e técnica. 2011. (Seminário).

26.
Celso Furtado: a dimensão cultural do desenvolvimento.Inovação em Celso Furtado. 2011. (Seminário).

27.
Fórum de Estudos Contemporâneos - 1 Seminário.Prospectando o desenvolvimento científico e tecnológico II: Nanotecnologia. 2011. (Seminário).

28.
INGINEUS Research Workshop.Global innovation networks and interactions between firms and universities. 2011. (Seminário).

29.
International Workshop on University-Firm Interactions.Dispelling myths, rethinking roots: a new look on Latin American interactions between universities and firms. 2011. (Seminário).

30.
Interseções: Filosofia e Revolução.Revolução e reforma. 2011. (Seminário).

31.
I Simpósio de Geografia do Conhecimento e da Inovação.Sistemas de inovação, território e região. 2011. (Simpósio).

32.
IX Congresso Brasileiro de História Econômica. Mercado, tecnologia e socialismo: nota sobre a rodada atual de um debate histórico. 2011. (Congresso).

33.
V Colóquio Brasileiro em Economia Política dos Sistemas-Mundo: Crise estrutural ou transição hegemônica?.Limite econômico ou metamorfoses do capitalismo?. 2011. (Simpósio).

34.
II Semana de Ciências Econômicas da UFOP.Inovações tecnológicas e mercado de trabalho. 2010. (Seminário).

35.
Seminário A LINHA GERAL.LIMITE ECONÔMICO OU METAMORFOSES DO CAPITALISMO?. 2010. (Seminário).

36.
Seminário A LINHA GERAL.PREOBRAJENSKY E A RENASCENÇA VERMELHA: Reflexões pioneiras sobre o processo de catch up sob o domínio da lei do valor na esfera internacional. 2010. (Seminário).

37.
XIV Seminário sobre a Economia Mineira.Sistema de Inovação no Barsil: o papel dos Fundos Setoriais. 2010. (Seminário).

38.
Workshop on Global Innovation Networks (INGINEUS).The role of institutional frameworks and local-global interactions in the emerging countries in the emergence and evolution of GINs. 2009. (Seminário).

39.
Globelics. Interactions between firms and universities: a histrical perspective. 2008. (Congresso).

40.
Seminário 150 anos dos Grundrisse.Bancos, crédito e a transição ao socialismo: notas sobre os Grundrisse. 2008. (Seminário).

41.
XIII Seminário sobre a Economia Mineira.Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento (MR V). 2008. (Seminário).

42.
XIII Seminário sobre a Economia Mineira.Financiamento das atvidades inovativas em Mians Gerais. 2008. (Seminário).

43.
1er Congresso Latioamericno de Historia Económica. A interação entre universidades e empresas em uma perspectiva histórica: uma investigação preliminar do caso brasileiro. 2007. (Congresso).

44.
3 Seminário Mineiro de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde.Ciência, tecnologia e inovação: é possível uma política pública?. 2007. (Seminário).

45.
Developmental Universities: a changing role for universities in the South.Interactions between universities and firms: a Latin American research project. 2007. (Simpósio).

46.
Dia da Inovação da UFMG.Política de inovação. 2007. (Seminário).

47.
Intellectual Property: tensions between the logic of capital and social and developmental demands.Estratégias de desenvolvimento e propriedade intelectual. 2007. (Seminário).

48.
Palestra no Programa de Mestrado em Economia do CCJE da UFES.Em busca de uma articulação entre a dimensão industrial-inovativa e a monetária-financeira: as tentativas iniciais dos neo-schumpeterianos e as contribuições do Volume III de O Capital. 2007. (Seminário).

49.
Seminários em Saúde Coletiva (Programa de Pós-Graduação em Saúde Pública - Medicina UFMG).Pesquisa e inovação em saúde. 2007. (Seminário).

50.
VII Congresso Brasileiro de História Econômica. Plano X mercado na história do pensamento econômico: diferentes contextos e lições de quatro rodadas de um grande debate. 2007. (Congresso).

51.
VIII Seminário de Economia Industrial.As redes de colaboração universidade-empresa. 2007. (Seminário).

52.
Catch Up Project - Milano meeting.Interactions between firms and universities - a draft of a Latin American research proposal. 2006. (Seminário).

53.
Ciência, tecnologia e desenvolvimento.XII Seminário sobre a Economia Mineira. 2006. (Seminário).

54.
Seminário de Doutorado - DPCT Unicamp.Interações entre ciência e tecnologia: observãções a partir de um modelo e de um "survey". 2006. (Seminário).

55.
Taesung Kim Memorial Lecture - Seoul National University.Cross-over, thresholds and interactions between science and technology. 2006. (Seminário).

56.
Globelics. Interactions between firms and universities in an immature system of innovation: a survey of industrial R&D performers in Minas Gerais, Brazil. 2005. (Congresso).

57.
III Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação.Sistema nacional de inovação e propriedade intelectual. 2005. (Seminário).

58.
Semiário Interno.Interações entre universidades e empresas no Brasil. 2005. (Seminário).

59.
Seminário de curso.Interação entre ciência e tecnologia no Brasil: notas sobre a relação entre P&D industrial e a importância das universidades para as empresas. 2005. (Seminário).

60.
VI Congresso Brasileiro de História Econômica. `Inadequacy of technology´ an innovation systems at the periphery: notes on Celso Furtado´s contributions for a dialogue between evolutionists and structuralists. 2005. (Congresso).

61.
I Conferência Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde.Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde. 2004. (Seminário).

62.
Seminário Mercosul: Aprendizado, Capacitação e Cooperação em Arranjos Produtivos e Inovativos Locais de MPEs: Implicações para políticas.Sistema de inovação em saúde: investigando uma desconexão entre a produção científica e a produção tecnológica. 2004. (Seminário).

63.
Fórum de Ciência e Tecnologia.Pesquisa, ciência e tecnologia X desenvolvimento econômico e social. 2003. (Seminário).

64.
Globelics. Immature systems of innovation. 2003. (Congresso).

65.
Indicadores do conhecimento e de arranjos produtivos locais.Indicadores do sistema nacional de inovação. 2003. (Seminário).

66.
1o. Seminário.Uma visão panorâmica da construção de sistemas de informação em saúde no Brasil. 2001. (Seminário).

67.
Inauguração das galerias de retratos de ex-dirigentes da Fapemig.O papel da Fapemig no sistema estadual de inovação de Minas Gerais. 2001. (Seminário).

68.
Inovação tecnológica no setor saúde.Inovação tecnológica no setor saúde. 2001. (Seminário).

69.
XXII Simpósio Acadêmico de Estudos Farmacêuticos.Inovações tecnológicas no setor saúde. 2001. (Simpósio).

70.
Mesa redonda sobre.Perspectivas da economia brasileira. 2000. (Seminário).

71.
New trends in the world economy.The dynamics of the center-periphery and the present Brazilian crisis. 1991. (Simpósio).

72.
Sexta Conferência Brasileira de Educação. Sindicato e novas tecnologias: os desafios educacionais e a resposta do movimento sindical. 1991. (Congresso).

73.
Curso de Especialização em Medicina Social.Dinâmica, ciclo e inovação tecnológica. 1988. (Outra).

74.
I Seminário de Economia.Crise e automação industrial. 1988. (Seminário).

75.
II Seminário de Ensino Médico da UFMG.II Seminário de Ensino Médico da UFMG. 1979. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MUZAKA, V. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Workshop Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2017. (Outro).

2.
MUZAKA, V. ; SHADLEN, K. C. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Workshop In pursuit of innovation, competitiveness and development. 2015. (Outro).

3.
CALLINICOS, A. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Workshop on Crises and transformation of capitalism: Marx's investigations and contemporary analysis. 2015. (Outro).

4.
ALBUQUERQUE, E. M.. Seminário METAMORFOSES DO CAPITALISMO E PROCESSOS DE CATCH UP. 2014. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Bruno Aguiar Carrara de Melo. Elementos evolucionários para uma teoria da demanda. Início: 2018. Dissertação (Mestrado profissional em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Tiago Rogado Guedes de Camargo. Revoluções tecnológicas e a dinâmica centro-periferia. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
João Paulo Borges Lisboa. A dinâmica econômica da indústria química e farmacêutica durante o século XX nos EUA e Europa. 2012. Dissertação (Mestrado em Inovação Biofarmacêutica (Profissional)) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

2.
Wanderson Luiz Lopes Fortunato. Tecnologias de informação e comunicação e produtividade na indústria de transformação paulista. 2009. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

3.
Karina Pereira Vieira. Financiamento e apoio à inovação no Brasil. 2008. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

4.
Ana Luíza Lara de Araújo. How institutions shape the formation of R&D partnerships – evidence from Brazil. 2007. Dissertação (Mestrado em Innovation, Knowledge and Economic Dynamics) - Aalborg University, . Coorientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

5.
Regina Maria Fernandes. A evolução no conhecimento e o controle da Doença de Chagas no Brasil: um estudo de caso sobre a interação entre a ciência, a tecnologia, a saúde e a economia. 2005. 134 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

6.
Maurício Marins Machado. O processo de inovação no México. 2004. 127 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

7.
Leandro Alves Silva. Padrões de interação entre ciência e tecnologia: uma investigação a partir de estatísticas de ciência e tecnologia. 2003. 110 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

8.
Helena Antônia Guimarães Moura. Estudo de marcas: uma análise introdutória de dados para Minas Gerais. 2002. 130 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Administração Pública Gestão Econômica) - Escola de Governo da Fundação João Pinheiro, . Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

9.
Sara Gonçalves Antunes de Souza. Potencialidades da Biotecnologia em Minas: Um Estudo sobre Empresas e suas relações com Universidades. 2001. 128 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

Tese de doutorado
1.
Ulisses Pereira dos Santos. A dimensão espacial do sistema nacional de inovação e seus impactos regionais na economia brasileira. 2014. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

2.
Solange Gomes Leonel. Mitos e verdades sobre a indústria de venture capital. 2014. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

3.
Sylvia Ferreira Marques. Mudanças na Clivagem Centro-Periferia e o Efeito Bumerangue: o impacto da periferia na reconfiguração sistêmica do capitalismo no século XXI. 2014. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

4.
Ester Carneiro do Couto Santos. Fluxos tecnológicos internacionais de tecnologias e a divisão internacional do trabalho: uma abordagem evolucionária. 2014. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

5.
Leandro Alves Silva. Tensões e conexões: um estudo sobre multinacionais e sistemas nacionais de inovação. 2014. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

6.
Wieland Silberschneider. A materialidade do estado: a relação da movimentação de recursos públicos com a acumulação capitalista de riqueza. 2014. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

7.
Raimundo de Sousa Leal Filho. Três ensaios sobre a relação entre finança, investimento e inovação. 2013. Tese (Doutorado em Economia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

8.
Luciano Martins Costa Póvoa. Patentes de universidades e institutos públicos de pesquisa e a transferência de tecnologia para empresas no Brasil. 2008. 0 f. Tese (Doutorado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

9.
Catari Vilela Chaves. As interações entre o setor saúde e a saúde mental a partir das estatísticas de ciência e tecnologia. 2005. 139 f. Tese (Doutorado em Economia) - Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Leandro Alves Silva. 2017. Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Eduardo da Motta e Albuquerque.

2.
Ulisses Pereira dos Santos. 2016. Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Eduardo da Motta e Albuquerque.

3.
Márcia Siqueira Rapini. 2011. Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Eduardo da Motta e Albuquerque.

4.
Leonardo Costa Ribeiro. 2010. Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Eduardo da Motta e Albuquerque.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Ticiana Bueno. O que está por trás de um catch up sustentável? Uma análise de Sistemas Nacionais de Inovação com base no caso da Coreia do Sul e suas implicações para os demais países de industrialização tardia. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

2.
Lucas Xavier de Miranda Ferreira. Relações entre capital e estado na obra de Bob Jessop: lições em tempos de ruptura. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

3.
Giulia Tonon da Mata Machado. Redes globais de inovação e as metamorfoses de uma empresa multinacional ? o caso IBM. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

4.
Vinícius Caldas de Melo Mendes. China e Estados Unidos no atual sistema mundo: ruptura ou continuidade?. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

5.
Eduardo Stock dos Santos. Metamorfose do progresso técnico: quais as transformações ocorridas nas três últimas décadas. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

6.
Lucas Teixeira Araújo. Indústria de semi-condutores e circuitos integrados do Brasil: uma abordagem do atraso tecnológico na periferia. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, FUDEP. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

7.
Vinicius Otoni dos Santos. Welfare states: um debate sobre condicionantes e formas de estruturação. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

8.
Ely Márcio Vieira Werneck. Spinn-offs acadêmicos. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

9.
Matheus Henrique de Souza Oliveira. Financiamento à inovação: a indústria de venture capital em Minas Gerais. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

10.
Christian José de Castro Nogueira. Relação entre cunhagem da moeda e surgimento da filosofia na Grécia antiga. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

11.
Marcelo Terra Americano. A influência do sistema financeiro no processo de catching up: o caso coreano. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

12.
Guilherme Meilman Lomaz Cohn. Crédito e produção capitalista: Wall Street e o cresciemnto das ferrovias nos Estados Unidos. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

13.
Marcela Nunes de Castro. Energia Solar Fotovoltaica: panorama do mundo e desafios para o Brasil. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

14.
Helena Carneiro Baeta Pereira. Global Innovation Networks: um estudo de caso. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

15.
Paulo Savaget Nascimento. Democracia como uma força motriz ao desenvolvimento inovativo: uma perspectiva teórica e histórica. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

16.
Júlia Jacob da Costa. O capital risco nos Estados Unidos da América. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

17.
Celso Cardoso Simôes Leitão. Caminho traçado por Angola: panorama do desenvolvimento econômico do períoro pré-colonial ao contemporâneo e análise da indústria petrolífera. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

18.
Érika Cristina Mendes Amaral. A participação da Financiadora de Estudos e Projetos - FINEP - no sistema de financiamento e fomento à inovação tecnológica no Brasil. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

19.
Thaís Ribeiro Henriques. O Papel do Sistema Financeiro Brasileiro no Sistema Nacional de Inovação: introdução à discussão a partir dos dados da PINTEC 2003. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

20.
Maria Elisa Lima Pereira. Sistema Nacional de Inovação: um estudo comparativo para Argentina, Brasil e México. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

21.
Bernard Herskovic. Efeitos recíprocos entre crédito e inovação. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

22.
Fábio Chaves do Couto e Silva Neto. Ciclos sistêmicos de acumulação de capital: estudo crítico sobre a hegemonia do Leste Asiático no capitalismo global do século XXI. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

23.
Ricardo Bregalda Baião Pessoa. Sistemas nacionais de inovação: comparativo para Coréia do Sul e China. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

24.
Thaís Coli Teixeira dos Santos. Características dos sistemas de inovação dos estados brasileiros: uma análise a partir da PINTEC/IBGE. 2006. 50 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

25.
Elaine Soares Rodrigues. Classificação das ocupações brasileiras segundo o nível tecnológico. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

26.
Ana Luiza Lara de Araújo. Desenvolvimento humano e progresso tecnológico: reflexões sobre o sistema nacional de inovação brasileiro. 2005. 50 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

27.
Hérica Morais Righi. Interação Universidade-empresa em Minas Gerais: uma análise exploratória a partir do Diretório dos Grupos de Pesquisas do CNPq. 2005. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

28.
Fábio Salazar. Capital de risco no Brasil: uma abordagem no arcabouço do sistema nacional de inovação. 2004. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

29.
Camila Lins Rodrigues. Sistema de inovação do setor saúde e desenvolvimento científico e tecnológico em doenças tropicais: uma discussão a partir de um estudo de caso sobre a esquistossomose. 2004. 49 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

30.
Paula Chaves de Melo. Sistema nacional de inovação na República Popular da China: uma análise a partir de estatísticas de patentes. 2004. 49 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

31.
Eanes Machado Lievore. Patentes universitárias: um estudo de caso sobre a UFMG. 2004. 49 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

32.
Cristiane Barbosa. Incubadora de empresas: um projeto de suceso? O caso da Infosoft-BH. 2003. 42 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

33.
Pedro Henrique Ferreira Drummond. Panorama das incubadoras de empresas em Minas Gerais: um diagnóstico das práticas atuais e perspectivas futuras. 2003. 50 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

34.
Daniel Alvim Bichara Costa. Dinâmica do conhecimento sobre malária. 2003. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

35.
Henrique Faria Teixeira. Mercado de segurança eletrônica: uma análise de estrutura, perspectivas e tendências. 2003. 47 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

36.
Mariana Cardoso Martins Vieira. Finaciamento à atividade inovativa em Minas Gerais. 2002. 53 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

37.
Jonas Antunes. A formação da Brasil-Alcool S/A: um estudo de caso sobre políticas anti-truste. 2002. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

38.
Marcos Teixeira Saponara. Comércio Eletrônico no Brasil. 2001. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

39.
João Carlos Vieira Kirdeikas. Indústria farmacêutica,. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

40.
Cláudio Eliazar Banze. A especificidade e diversidade do continente africano: uma sugestão inicial de tipologias de sistemas nacionais de inovação. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Instituto de Pesquisas Administrativas, Econômicas e Contábeis de MG. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

41.
Alethéia Januária Zanow de Gouvêa. Fusões & Aquisições: uma visão do caso Brasil. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

42.
Márcia Siqueira Rapini. Uma investigação sobre a relação de Granger-causalidade entre ciência e tecnologia para países em catching up e para o Brasil. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Federação das Sociedades de Biologia Experimental. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

43.
Danielle Cristiane Alves Ribeiro. A função de hospitais no sistema de inovação do setor saúde: um estudo de caso sobre a Santa Casa. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

44.
Leandro Alves Silva. Transferência de tecnologia: uma avaliação dos contratos averbados no INPI entre 1991 e 1996. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

45.
Carlos Frederico Leão. Incubadoras tecnológicas: papel e impacto econômico. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

46.
Myriam Cristina Almeida Rocha. Empresas transnacionais e políticas antitruste. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

47.
Alessandra Fonseca Braga. Avaliação do papel da atividade de antitruste. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

Iniciação científica
1.
Maria Eduarda Stinghen Rossi Freitas. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

2.
Tiago Rogado Guedes de Camargo. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

3.
Sofia Cristina Novy Lara. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

4.
Guilherme Pazzini Meirelles. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

5.
Bruna Ferreira Santos. Revoluções tecnológicas, sistemas de inovação e a dinâmica centro-periferia. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

6.
Bruno Prado Prates. Revoluções tecnológicas, sistemas de inovação e a dinâmica centro-periferia. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

7.
José Carlos Miranda da Silva. Sistemas de inovação na periferia e variedades de capitalismo: revoluções tecnológicas e a dinâmica centro-periferia. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

8.
Illa Vieira Elias. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

9.
Giulia Tonon da Mata Machado. Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

10.
Luise Soares Pereira de Souza. Os cadernos de Marx sobre as crises. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, IPEAD. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

11.
Tatiana Guimarães Ferreira. Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

12.
Rafaella Carnevali. Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Instituto de Pesquisas Administrativas, Econômicas e Contábeis de MG. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

13.
Caroline Dussin. Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Instituto de Pesquisas Administrativas, Econômicas e Contábeis de MG. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

14.
Esther Maria Passos Simões Froes Guimarães. Metamorfoses do capitalismo e processos de catch up. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

15.
Manuel Bueno. A tempestade do progresso: terra e trabalho na China das reformas. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

16.
Renata Guimarães Vieira. Políticas de ciência e tecnologia na China do século XXI. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Instituto de Pesquisas Administrativas, Econômicas e Contábeis de MG. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

17.
Guilherme Habib Santos Curi. Marx e o Caderno B113. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

18.
Bernardo Aragão Grassi Marques. Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

19.
Luíza Teixeira Melo Franco. Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

20.
Helena Baeta. Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

21.
Guilherme Meilman Lomaz Cohn. Sistemas de inovação, economia do conhecimento e desenvolvimento. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

22.
Caroline Ubaldo Gomes da Silva. Indicadores de ciência e tecnologia. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, FUDEP. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

23.
Juliana Rodrigues Vieira. Indicadores de ciência e tecnologia. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, FUDEP. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

24.
Marcela Nunes de Castro. Interações entre universidades e empresas. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

25.
Thaís Henriques. Cooperação universidade-empresa: uma análise preliminar a partir dos dados da PINTEC 2003. 2006. 20 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

26.
Elaine Soares Rodrigues. Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento. 2005. 20 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

27.
Raquel Guimarães. Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento. 2005. 21 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

28.
Cíntia Oliveira. Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento. 2004. 10 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Parque Tecnológico da Ufmg. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

29.
Camila Lins Rodrigues. Sistemas de inovação imaturos. 2003. 20 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

30.
Hérica Righi. Infra-estrutura científica, sistemas de inovação e desenvolvimento. 2003. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

31.
Fábio Salazar. Sistemas de inovação imaturos. 2001. 29 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

32.
Túlio Cravo. Sistemas de inovação imaturos. 2001. 27 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

33.
Regina Maria Fernandes. Estatísticas de patentes, modelos de utilidade e desenhos industriais: uma contribuição ao estudo do sistema nacional de inovação no Brasil. 2000. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

Orientações de outra natureza
1.
Alexandre Oliveira Ribeiro. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2018. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

2.
Patrícia Sampaio Cotta. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2018. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

3.
Michelle Nepomuceno Souza. Health and Hope: Brazil as an emerging knowledge power?. 2017. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

4.
Gabryela de Almeida Duarte Borges. Crises e metamorfoses do capitalismo: exposições teóricas direcionadas para uma análise do sistema de crédito. 2015. Orientação de outra natureza. (Relações Econômicas Internacionais) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

5.
Marina Lemos da Costa Val. Políticas industriais no Brasil: uma análise para o período de 1930 a 1970. 2012. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Ministério da Educação - Secretaria de Ensino Superior. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

6.
Joana David Avritzer. O futuro do dólar no sistema monetário internacional: um estudo da importância do Estado na definição do dinheiro mundial. 2011. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

7.
Joana David Avritzer. O papel do ouro na configuração/ composição do dinheiro mundial. 2010. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

8.
Bernard Herskovic. O papel do crédito e do capital fictício nas relações capitalistas partindo de Marx e Hilferding. 2006. 44 f. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

9.
Adriano Baessa. Desiguladade e concentração no sistema de inovação brasileiro. 2002. 0 f. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.

10.
Wellington Marcelo Silva da Cruz. Estudo sobre um dilema nacional: garantia dos direitos de propriedade intelectual do setor farmacêutico versus bem-estar econômico e social. 2002. 0 f. Orientação de outra natureza. (Ciências Econômicas) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Eduardo da Motta e Albuquerque.



Educação e Popularização de C & T



Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
GIROLETTI, D. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Novas perspectivas do capitalismo internacional. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
ALBUQUERQUE, E. M.. Developing NSIs. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
ALBUQUERQUE, E. M.. Fluxos transacionais do conhecimento. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
PAULA, J. A. ; CERQUEIRA, H. E. A. G. ; DEUS, L. G. ; ALBUQUERQUE, E. M. . Pesquisadores da Face estudam manuscritos inéditos de Marx. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
RIBEIRO, LEONARDO COSTA ; RAPINI, MÁRCIA SIQUEIRA ; SILVA, LEANDRO ALVES ; ALBUQUERQUE, E. M. . International collaborations growing exponentially. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


ORCID: https://orcid.org/0000-0002-1591-875X



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 12/12/2018 às 20:00:22