Vanessa Hatje

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1D

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4132400977039625
  • Última atualização do currículo em 11/09/2018


Possui graduação em Oceanologia pela Fundação Universidade Federal do Rio Grande, RS (1993), mestrado em Geociências (Geoquímica) pela Universidade Federal Fluminense, RJ (1996) e doutorado em Oceanografia Química pela Universidade de Sidnei, Austrália (2002). Entre 2003 e 2006 trabalhou como pesquisadora (ProDoc-CAPES) no Departamento de Química Analítica da UFBA, BA. Em fevereiro de 2006 foi contratada como professor adjunto do Departamento de Química Analítica da Universidade Federal da Bahia, BA. Leciona as disciplinas Oceanografia Química I, Oceanografia Química II, Poluição Marinha e Impactos Antrópicos na Zona Costeira para o curso de graduação em Oceanografia da UFBA, BA. Leciona também as disciplinas Poluição Marinha, Impactos Antrópicos e Química dos Oceanos no Programa de Pós-Graduação em Química da UFBA, BA. É credenciada no Programa de Pós-Graduação em Química, CIEnAM (Energia e Ambiente) e Programa de Pós-graduação em Ecologia e Biomonitoramento da UFBA, BA. Tem experiência na área de Oceanografia Química, sendo a poluição marinha, a biogeoquímica de metais traço e biomonitoramento marinho suas principais áreas de atuação. The research of V Hatje focuses on the biogeochemical cycling of trace metals and carbon and how these elements are influenced by both natural and anthropogenic processes. Her research group develops new analytical techniques to detect trace metals, including rare earth elements, and organic contaminants in marine matrices. She applies these novel and pre-existing methods to better understand the factors affecting trace contaminants cycling, transfers at continental-ocean interfaces and interactions with biotic and abiotic components in coastal ecosystems. V Hatje has authored/ co-authored more than 50 papers. She has been continuously supported by research and education grants. Her most recent funded projects includes the study of technology critical elements in tropical marine environments and Blue C dynamics in mangrove and seagrasses. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Vanessa Hatje
Nome em citações bibliográficas
HATJE, V;Hatje, Vanessa

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal da Bahia, Instituto de Química, Departamento de Química Analítica.
Rua Barão de Jeremoabo sem número, Dept de Quimica Analítica, UFBA, Campus Ondina
Ondina
40170115 - Salvador, BA - Brasil
Telefone: (71) 32835648
Fax: (71) 32355166
URL da Homepage: http://www.institutokirimure.pro.br


Formação acadêmica/titulação


1998 - 2002
Doutorado em Oceanografia Química.
The University of Sydney, U.SYDNEY, Austrália.
Título: Trace metals in the waters of Port jackson estuary, Australia: spatial and temporal distributions and associated processes, Ano de obtenção: 2002.
Orientador: Dr Gavin Birch, Dr Timothy Payne and Dr Simon Apte.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: estuary; kinetics; radinuclides; sampling design; trace metal; temporal variation.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Oceanografia Química / Especialidade: Interações Químico-Biológicas/Geológicas das Substâncias Químicas da Água do Mar.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: estuarios / Especialidade: geoquimica de metais em estuarios.
Setores de atividade: Planejamento e Gestão das Cidades, Inclusive Política e Planejamento Habitacional.
1994 - 1996
Mestrado em Geociências (Geoquímica).
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Contaminacao por metais pesados no rio dos Sinos -RS: uma abordagem dinamica a partir de balancos de massa,Ano de Obtenção: 1996.
Orientador: Dr. Edison Dausaker Bidone.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: anthropogenic sources; mass balane; spatial temporal variation; trace metal; freshwater.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Geoquimica.
1989 - 1993
Graduação em oceanologia.
Universidade Federal do Rio Grande, FURG, Brasil.
Título: Geoquímica dos sedimentos do rio dos Sinos-RS.
Orientador: Paulo Roberto martins Baisch.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul, FAPERGS, Brasil.


Pós-doutorado


2013
Pós-Doutorado.
University of California Santa Cruz, UCSC, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2002 - 2006
Pós-Doutorado.
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Oceanografia Geológica / Especialidade: Geoquímica Marinha.


Formação Complementar


2014 - 2014
Interregional Advanced Training Course on Marine Radioactivity: analytical. (Carga horária: 80h).
International Atomic Energy Agency, IAEA, Austria.
2007 - 2007
Programa de Capacitação do banco de Avaliadores do. (Carga horária: 24h).
SINAES - INEP -MEC, SINAES, Brasil.
2006 - 2006
Análise de Pesticidas. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
2006 - 2006
Introdução a Cromatografia. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
2005 - 2005
Extensão universitária em Geoquímica do Petróleo Com Aplicabilidades Industr. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
2005 - 2005
Extensão universitária em Técnicas de Planejamento de Experimentos. (Carga horária: 25h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
2003 - 2003
IV Workshop de preparo de amostras. (Carga horária: 32h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
2002 - 2002
Senior First Aid. (Carga horária: 16h).
St John Ambulance Australia, ST JOHN, Austrália.
2001 - 2001
Working With Radioisotopes Aplications And Safety. (Carga horária: 24h).
Australian Nuclear Science & Technology, ANSTO, Austrália.
2000 - 2000
Multivariate Analysis For Environmental Scientists. (Carga horária: 40h).
The University of Sydney, U.SYDNEY, Austrália.
2000 - 2000
Multifactorial Anova Analyses. (Carga horária: 40h).
The University of Sydney, U.SYDNEY, Austrália.
2000 - 2000
Sample Design For Environmental Experiments. (Carga horária: 40h).
The University of Sydney, U.SYDNEY, Austrália.
1997 - 1997
Tec anal. automaticas de dosagem de nutrientes. (Carga horária: 30h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
1997 - 1997
Auditoria Ambiental. (Carga horária: 56h).
Microlife Assessoria Ambiental, MAA, Brasil.
1992 - 1992
Biodegradação de Hidrocarbonetos e Combustíveis. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal do Rio Grande, FURG, Brasil.
1991 - 1991
Extensão universitária em Geomorfologia Costeira. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal do Rio Grande, FURG, Brasil.
1990 - 1990
Poluição costeira, especiação: metais pesados. (Carga horária: 15h).
Universidade Federal do Rio Grande, FURG, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2002 - 2006
Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: pesquisador, Carga horária: 40

Atividades

01/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , CIENAM, .

01/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , CIENAM, .

01/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , CIENAM, .

02/2008 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Química Analítica, .

04/2007 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Química Analítica, .

Cargo ou função
avaliador de curso de graduação - SINAES INEP.
08/2006 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Química Analítica, .

Cargo ou função
Membro do Comite Local Programa PIBIC-UFBA.
2/2006 - Atual
Ensino, Oceanografia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução a Química dos Oceanos
Oceanografia Química I
Oceanografia Química II
Poluição Marinha
01/2003 - Atual
Ensino, Química, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Oceanografia química
Poluição marinha

The University of Sydney, U.SYDNEY, Austrália.
Vínculo institucional

1998 - 2002
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor assistente de geologia, Carga horária: 4

Atividades

08/2000 - 08/2002
Ensino, Geologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
aulas praticas de geologia
aulas teóricas de geologia geral
Fundamentos da Ciência
08/1998 - 08/2002
Pesquisa e desenvolvimento , School of Geosciences, .

03/1999 - 11/1999
Treinamentos ministrados , School of Geosciences, .

Treinamentos ministrados
Treinamento para alunos de aperfeicoamento sobre analises de ultra-traços em matrizes marinhas


Linhas de pesquisa


1.
metais traço na zona costeira

Objetivo: Avaliação da distribuição, fluxos e reatividade de metais traço ao longo do interface continente-oceano.
2.
preparo de amostras ambientais

Objetivo: Desenvolver métodos analíticos para determinação de elementos traço e compostos orgânicos (interferentes endócrinos) em matrizes marinhas (sedimento, água e bioto), visando obter procedimentos rápidos, baratos e que geram poucos resíduos..
3.
Poluição Marinha

Objetivo: - Avaliação da qualidade ambiental dos sedimentos e da coluna d'água e sua influencia na biota; - Determinação da biodisponibilidade de metais traço em sedimentos; - Avaliação do impacto de atividades de carcinicultura em ecossistemas costeiros e seus serviços ecológicos; - Estudo do impacto de elementos tecnologicamente críticos (e.g., elementos terras raras) no ambiente marinho..
4.
Processos estuarinos

Objetivo: Estudo da distribuição, da especiação e de processos biogeoquímicos.
5.
Interferentes endócrinos

Objetivo: Desenvolvimento de métodos; ocorrência e distribuição de disruptores endócrinos em ambientes costeiros.
6.
Biogeoquimica de metais traço nos oceanos

Objetivo: Estudo dos processos controladores e padrões de distribuição espaço-temporal de elementos traço, especialmente os elementos terras raras, nos oceanos. Esta linha de pesquisa está associada ao projeto GEOTRACES.
7.
Elementos tecnológicos críticos
8.
Biogeoquímica de elementos traço nos oceanos
9.
Dinâmica de C em sistemas costeiros


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Serviços ecossistêmicos e impactos ambientais na Baía de Todos os Santos (SEImA-BTS)
Descrição: Nossa motivação para a submissão desta proposta se constituirá na terceira etapa do projeto BTS e está embasada nos seguintes objetivos: - Determinação do papel dos manguezais, gramas marinhas e seus microbiomas associados nos estoques de C e avaliação de sua sensibilidade à distúrbios ambientais; - Avaliação dos fluxos de elementos tecnologicamente críticos (ETC) e impactos nas águas da BTS e plataforma adjacente por efluentes domésticos, hospitalares e industriais; - Continuidade das ações sistemáticas de levantamento de dados físicos, químicos e biológicos visando à construção de séries temporais de longo prazo, inéditas para as baías brasileiras; - Apoio à participação das instituições de pesquisa envolvidas nesta proposta em projetos internacionais de ampla envergadura, os quais apresentam interfaces com o presente projeto. A exemplo dos estudos de determinação de fluxos e processos internos controlando a dinâmica de elementos traços e seus isótopos na zona costeira adjacente à BTS (GEOTRACES e PIRATA), bem como a rede de monitoramento de gramas marinhas SeagrassNet. Somadas, estas ações subsidiarão: i. manejo e gestão sustentável dos ecossistemas da BTS; ii. identificação de áreas para priorizar ações de conservação nos diversos ecossistemas da Baía (manguezais, pradarias, estuários, e recifes); iii. discussão entre a sociedade civil, tomadores de decisão e academia visando o desenvolvimento sustentável da Baía e a qualidade e bem estar das populações (Evento Semana Kirimurê); iv. consolidação dos conhecimentos sobre o funcionamento dos ecossistemas da BTS. A produção de dados e seu uso efetivo nos conduz a melhores decisões políticas e regulatórias (Holmes and Clark, 2008). Tomadores de decisão precisam antecipar quais são as tendências futuras, os problemas, ameaças e oportunidades emergentes, ou seja, é preciso uma base de dados robusta e estratégica para balizar o desenvolvimento de regulações e tomadas de decisão (Bengston, 2013). A proposta deste projeto é identificar, por meio de linhas de múltipla evidência, marcadores, processos e serviços ecossistêmicos importantes de forma que tomadores de decisão possam planejar e agir em escala de tempo apropriada visando o desenvolvimento sustentável e benefícios socioeconômicos da BTS..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Estoques de Carbono em Manguezais de Estuários Tropicais

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Francisco Carlos Rocha de Barros Junior em 29/09/2017.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Comparative Geochronological studies of the heavy metals and selected organic compounds on Guanabara and Todos os Santos Bays sediments
Descrição: Guanabara and Todos os Santos Bays are two of the most important bays in Brazil with common feature like the existence of a megacity at their surroundings, large harbor facilities, metal­mechanics industry as well as a petroleum refinery. All these activities represent a real environmental impact with effective consequences to the local population. Although all the efforts of the local authorities, a long term continuous environmental monitoring doesn?t exist, which turns difficult a follow up of effectiveness of the implemented programs. Several of the main pollutants released to the environment in such regions are sediment seeker, which allows the application of dated sediment cores as an alternative for the long term follow­ up of such programs. Therefore, the present proposal includes sediment cores sampling, dating based on Pb­210 and the determination of key pollutant, like HPAs and trace metals, along the cores, and comparison of the obtained results with existent records related to the local industrialization as well as the implementation of a sanitary policy..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Angela Rebello Wagener - Integrante / CARREIRA, R.S. - Integrante / José Marcos de Oliveira Godoy - Integrante.
2015 - 2015
I Workshop GEOTRACES
Descrição: O objetivo principal deste encontro foi mobilizar a comunidade científica que desenvolve estudos em Oceanografia Química, visando à ampliação de ações de pesquisa no estudo de elementos traços e seus isótopos no oceano no âmbito do projeto internacional GEOTRACES. Os objetivos específicos deste workshop foram: i. Promover uma ampla discussão sobre os mecanismos de articulação entre pesquisadores brasileiros e formação de colaborações internacionais para promover a formação de alunos de pós-graduação e especialistas na área de elementos traços em águas oceânicas; ii. Promover e elevar a qualidade da produção científica na área de oceanografia química, especialmente focada no estudo de elementos traço nos oceanos; iii. Construir a rede de colaboração GEOTRACES BRASIL..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
SCOR Working Group 145 - Modeling Chemical Speciation in Seawater to Meet 21st Century Needs
Descrição: Objective 1 of this working group is to document the current status, and basis in laboratory measurements, of Pitzer models of seawater and estuarine water including complexation of trace metals. We will define their current capabilities and limitations for oceanographic and biogeochemical calculations, and establish what is needed (in both laboratory measurements and modelling) to meet future requirements. The associated Objective 2 is to provide a database of Pitzer model parameters and equilibrium constants for seawater (and their variation with T and P), and including trace metal complexation, which can be used by skilled practitioners..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Elementos terras raras: emprego como traçadores de processos antrópicos e ambientais
Descrição: O objetivo central deste projeto é contribuir para o progresso científico em Elementos Terras Raras por meio do desenvolvimento de procedimentos analíticos para determinação de elementos terras raras (ETR) em amostras ambientais e sua aplicação como traçadores de processos. Objetivos específicos - Desenvolver e validar procedimentos e protocolos analíticos de preparo de amostras para determinação de elementos terras raras (REE) por ICP-MS em amostras de água oceânicas, marinhas e estuarinas; - Avaliar o emprego de lâmpadas de IR associadas com a radiação micro-ondas em fornos com cavidade para elevar a eficiência de digestão das amostras de sedimentos para determinação dos elementos terras raras; - Avaliar o potencial uso de elementos terras raras como marcadores de impactos antrópicos nos ecossistemas da Baía de Todos os Santos; - Avaliar o uso potencial de terras raras como traçadores para validar a ocorrência de eventos de ressurgência na costa da Bahia;.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Leticia M Costa - Integrante / Wagna P.C. dos Santos - Integrante / Gilmara Fernandes Eça - Integrante / Keneth Bruland - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2014 - Atual
ELEMENTOS TERRAS RARAS EM ÀGUA DO MAR: desenvolvimento metodológico
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Wagna P.C. dos Santos - Integrante / MARCELO FRIEDERICHS LANDIM DE SOUZA - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.
2014 - Atual
GEOTRACES BRASIL
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - Atual
Pesquisando Kirimurê: Convergindo Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação
Descrição: O projeto Pesquisando Kirimurê: Convergindo Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação é fruto de um movimento depesquisa concertada sobre e na Baía de Todos os Santos (BTS), o MULTI-BTS, apoiado pela FAPESB desde 2007,com horizonte temporal de 30 anos, com a participação de pesquisadores das universidades públicas da Bahia. Nos últimos 05 anos, tais pesquisadores de diversas áreas de conhecimento - tem compartilhado pesquisas e ações deextensão e mantido diálogo com gestores públicos e comunidades tradicionais. Dentre seus produtos, estão o volume I(Aspectos Oceanográficos) da série BTS, o curso Pós-técnico em Segurança, Ambiente e Saúde, o Portal InstitutoKirimurê, e a coleção de Cartilhas BTS. Neste contexto e em resposta ao Edital FAPESB 009/2012, esta proposta seenquadra nas linhas temáticas Recursos Naturais, Uso sustentável e/ou recuperação de áreas impactadas,Tecnologias educacionais, Qualidade da Educação, Qualidade da Saúde e está estruturada a partir de um sistema dearticulação o Art BTS - e um projeto de pesquisa trans e multidisciplinar, com dois objetivos gerais: 1) avaliar os padrões de distribuição espaço-temporal de contaminantes orgânicos e inorgânicos nos ambientes atmosférico,pelágico e bentônico, bem como os fluxos dos referidos contaminantes nas interfaces oceano-continente-atmosfera demodo a compreender os processos e mecanismos responsáveis pelo transporte, acumulação e ciclos biogeoquímicos dos mesmos; 2) investigar o modelo de gestão utilizado para a pesquisa e seu sistema de articulação, buscando-se oaperfeiçoamento das técnicas e práticas e o desenvolvimento de tecnologia de gestão para a pesquisa transdisciplinare multiinstitucional. O Art-BTS entende que, como os demais projetos aprovados pelo Edital são independentes, aarticulação entre os grupos será estabelecida em ações conjuntas que visem à otimização de recursos (não sófinanceiros), ações de extensão e de apoio na formação de futuros pesquisadores. O Art-BTS considerará as 09 linhastemáticas propostas pelo Edital FAPESB os seus eixos de articulação. Cada eixo identificará um coordenador, queresponderá pelos contatos e pela síntese das questões e das produções de sua linha. Em complementaridade, o Art- BTS comporá um Núcleo de Articulação, coordenado pelo Núcleo Comum do presente projeto. Estão previstosworkshops, reuniões intra-eixos e a participação de pesquisadores e alunos na Semana Kirimurê. O Portal InstitutoKirimurê será reformulado para atender aos novos grupos e constituir-se-á o principal veículo de comunicação BTS. Para atingir o objetivo 01, serão estudados a biogeoquímica de contaminantes orgânicos e metais traços nas interfaces continente-oceano-atmosfera na BTS e o efeito de impactos antrópicos na fauna e flora marinha. Serão investigados processos biogeoquímicos, transporte, fluxos e exposição final dos ecossistemas incluindo as populações humanas, potencialmente expostas, definindo o ciclo de vida dos agentes contaminantes. A compreensão dos mecanismos de controle desses ciclos nas interfaces continente-atmosfera-oceano fornecerá subsídios à previsão do seu comportamento frente às mudanças regionais (instalação de um centro metal-mecânico, do pólo acrílico, da ampliação portuária, dragagens, etc.) e globais. A determinação dos fluxos e das transferências atmosfera-continente-oceano, das espécies orgânicas e inorgânicas, se baseará em amostragens de material particulado atmosférico, material particulado em suspensão, sedimentos, água e biota em diferentes locais do entorno da baía. Os sítios de amostragem serão selecionados levando em conta aspectos como a densidade populacional, presença de atividades industriais no entorno, e serviços prestados pelos ecossistemas locais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2016
INCT em Ambientes Marinhos Tropicais
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Francisco Carlos Rocha de Barros - Integrante / José Maria Landim - Integrante / Ruy Kenji Papa de Kikuchi - Integrante / Zelinda M. de A. N. Leão - Integrante.
2012 - Atual
AVALIAÇÃO DE INDICADORES DE IMPACTOS ANTRÓPICOS NO ENTORNO DA BAÍA DE TODOS OS SANTOS - INSTITUTO KIRIMURÊ
Descrição: Entender os processos que controlam a biodisponibilidade, a ciclagem e o impacto dos contaminantes ainda é um desafio a ser vencido. Isto se deve a complexidade envolvida, pois as relações entre contaminantes e fauna incluem uma gama de possíveis efeitos e, não apenas com os diversos contaminantes orgânicos e inorgânicos presentes no meio, mas também com outros estressores ambientais (e.g. salinidade, granulometria e temperatura). O objetivo deste estudo é avaliar de forma integrada os impactos ambientais e na saúde humana baseado no uso de linhas de múltiplas evidências, empregando marcadores bióticos e abióticos. Para tanto serão desenvolvidas metodologias analíticas para determinar contaminantes emergentes (hormônios, ftalatos e alquilfenóis) por cromatografia a líquido, bem como a especiação química de elementos traços. A avaliação dos impactos ambientais utilizará as seguintes linhas de múltipla evidência: avaliação de teores de contaminantes orgânicos e inorgânicos nos compartimentos bióticos e abióticos, avaliação da estrutura de comunidades bentônicas, testes de ecotoxicidade, análise de risco toxicológico a saúde humana devido à ingestão de mariscos/peixes contaminados, entre outros. Estas ferramentas integradas conseguirão tratar de maneira concertada com a abrangência, heterogeneidade espaço-temporal e complexidade dos processos associados aos impactos ambientais na Baía de Todos os Santos, BA..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE SÃO FRANCISCO DO CONDE: RISCO A SAÚDE HUMANA DEVIDO A INGESTÃO DE MARISCOS CONTAMINADOS
Descrição: A acumulação de metais traço e compostos orgânicos em organismos marinhos podem provocar problemas crônicos e agudos à saúde humana, pela ingestão contínua de alimentos contaminados. Populações ribeirinhas e costeiras, de baixa renda, dependente do extrativismo de invertebrados marinhos para consumo e sustento, são especialmente suscetíveis à intoxicação causada por metais traço e compostos orgânicos, uma vez que a alimentação destas comunidades é predominantemente composta por invertebrados marinhos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2012
Estudo do Ambiente Físico da Baía de Todos os Santos
Descrição: O Objetivo geral deste projeto é estudar a Baía de Todos os Santos de modo inter e multidisciplinar gerando dados nas áreas de oceanografia, biologia, química e artes para contribuir para a gestão sustentável da Baía, voltada para a qualidade de vida do ambiente e de sua população, a partir da sistematização, articulação, produção e disseminação de conhecimentos sobre o seu ambiente físico..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Maria das Graças A. Korn - Integrante / Francisco C. R. de Barros - Integrante / Sergio Luis Costa Ferreira - Integrante / Marcia Bícego - Integrante / Ruy Kenji Papa de Kikuchi - Integrante / Zelinda M. de A. N. Leão - Integrante / Jailson B. de Andrade - Integrante / marlene Peso Aguiar - Integrante / Wilson Araújo Lopes - Integrante / Nubia Moura Ribeiro - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.
2009 - Atual
INCT de Energia e Ambiente
Descrição: O Instituto Nacional de Energia e Ambiente - está sediado no Centro Interdisciplinar de Energia e Ambiente (CIEnAm) da UFBA, criado em 2003, que envolve as competências em Ensino, Pesquisa, Extensão e Inovação voltadas para a formação de recursos humanos qualificados e a geração de conhecimentos e produtos tecnológicos nas seguintes áreas de atuação: i) Otimização e uso eco-eficiente de energia; ii) Combustíveis fosseis e provenientes de biomassa; iii) Impactos ambientais na atmosfera, litosfera, hidrosfera e na biosfera; iv)Tecnologias limpas; v) Nanotecnologia e novos materiais; e vi) Regulação e gestão. As grandes metas do Instituto, são as mesmas do CIEnAm: i) Desenvolver e incentivar o uso de tecnologias limpas; ii) Desenvolver tecnologias visando o uso eco-eficiente de energia; iii) Transferir o conhecimento em C&T&I para a sociedade; iv) Possibilitar a modernização e ampliação de laboratórios; v) Incrementar a interação com o setor industrial ou de serviços; vi) Incubar grupos de pesquisa e empresas; vii) Firmar convênios com instituições estrangeiras e nacionais; viii) Aumentar o número de publicações, patentes e dissertações e teses defendidas e x) Formar recursos humanos qualificados em nível de PG..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2012
Portal Instituto Kirimurê
Descrição: Este projeto objetiva realizar uma ampla e exaustiva pesquisa dirigida para o levantamento, consolidação, síntese e disponibilização de dados para a Baía de Todos os Santos, nas áreas de Oceanografia, Recursos Naturais e Biodiversidade, Artes e Educação. Os resultados desta pesquisa serão consolidados e constituirão o corpo de um portal, a saber, o PORTAL INSTITUTO KIRIMURÊ..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Francisco C. R. de Barros - Integrante / Walter N L dos Santos - Integrante / Jailson B. de Andrade - Integrante / marlene Peso Aguiar - Integrante / Wilson Araújo Lopes - Integrante / Nubia Moura Ribeiro - Integrante / Maria C. Gordilho Martins - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.
2008 - 2011
Biogeoquímica dos sedimentos inconsolidados da Baía de Camamu, Bahia: caracterização dos metais traço, matéria orgânica, hidrocarbonetos e estrutura da macrofauna bentônica antes de possíveis impactos por atividades de produção e exploração de petról
Descrição: O objetivo deste projeto é gerar conhecimentos sobre a estrutura da macrofauna bentônica e biogeoquímica de metais traços (As, Ba, Cd, Co, Cu, Cr, Fe, Pb, Mn, Ni, V e Zn), hidrocarbonetos (aromáticos e alifáticos), nutrientes (C, N e S) e matéria orgânica (fenóis de lignina) na BC-BA. Serão realizadas duas campanhas de campo, de modo a amostrar nos períodos seco e chuvoso. O tratamento das amostras para análises de metais será realizado usando HCl (1.0 M) e a determinação dos metais será realizada por ICP-OES. O carbono e nitrogênio orgânico serão determinados em analisador elementar. Para a determinação de lignina será empregada a oxidação com OCu sob condições básicas. Após a oxidação a amostra será extraída com metil éter. Os extratos serão diluídos em piridina e analisados por cromatografia gasosa de alta resolução usando detector de ionização em chama (FID). Os grupos de fenóis Cinamil, Siringil e Vanilil serão utilizados para quantificar fontes de plantas vasculares nos sedimentos. Para a análise dos HPAs as amostras serão extraídas com diclorometano em Soxhlet. O procedimento de análise para os HPAs se baseia no método EPA 8270D. A quantificação será realizada em CG/EM. Os n-alcanos e a mistura complexa não resolvida (MCNR) serão determinados por cromatografia gasosa de alta resolução em coluna capilar usando detector FID. As amostras de macrofauna, fixadas em formalina, serão lavadas em malha de 500 micra e triadas sob microscópio estereoscópico. Os invertebrados serão identificados ao menor nível taxonômico possível. Serão empregadas diversas técnicas de análises estatísticas multivariadas (Análise de Componentes Principais, n-MDSs e BIOENV) para a análise de dados..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Francisco C. R. de Barros - Integrante / Mauro Cirano - Integrante / Maria das Graças Korn - Integrante / Pedro Afonso de Paula Pereira - Integrante / Angela Rebello Wagener - Integrante / Paulo C Lana - Integrante / Cassia de Oliveira Farias - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Variabilidade climática e oceanográfica durante o holoceno na costa da Baía
Descrição: As mudanças climáticas globais estão afetando o funcionamento do planeta e necessitamos compreendê-las o mais precisamente possível. Anomalias térmicas na superfície da água do mar, bem como alteração no regime de luminosidade afetam o crescimento dos corais, que crescem por intervalos de tempo que podem atingir um século ou mais. Assim, pretende-se utilizar o esqueleto carbonático como arquivo natural de parâmetros ambientais para resgatar informações que permitam um melhor modelamento do clima passado e por conseguinte, ajustes nos modelos de prognósticos de médio a longo prazos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
Avaliacao das relacoes entre teores de metais traco e comunidades bentonicas como indicadores de biodisponibilidade de contaminantes em sedimentos estuarinos
Descrição: Os elevados teores de metais traço nos sedimentos são frequentemente citados na literatura como importantes causadores de stress para comunidades bentônicas. Os metais traço nos sistemas aquáticos são acumulados nos sedimentos, onde podem atingir concentrações várias ordens de magnitude maiores que a coluna d?água. Uma vez que os sedimentos são habitas para muitos organismos, a sua contaminação por metais traço pode causar efeitos adversos em organismos bentônicos. Existem poucas ferramentas para avaliar de maneira exata qual a porção da concentração total dos metais traço no sedimento que é biodisponível para ingestão ou transporte dentro de um organismo (Peltola et al., 2005). No entanto, é sabido que a concentração total de metais em sedimentos não é totalmente biodisponível para os organismos. Assim, em estudos de avaliação de contaminação ambiental, é mais importante determinar a especiação química dos metais, a qual fornece informações sobre a mobilidade do metal, sua disponibilidade e/ou toxicidade do que a concentração total dos elementos (Rauret, 1998). A análise de comunidades bentônicas em programas de monitoramentos é essencial, pois as espécies são relativamente sedentárias, tem tempo de vida relativamente longo e consistem em um variado número de espécies que apresentam diferentes tolerâncias ao stress. Assim, um método para avaliar a disponibilidade de metais traço, em sedimentos estuarinos, para comunidades bentônicas, não necessitando da análise dos teores de metais em organismos, seria extremamente útil como ferramenta para o rastreamento de risco ambiental. O objetivo geral deste trabalho é buscar a melhor relação entre dados de metais traço, extraídos utilizando diversas soluções, e dados sobre a estrutura de comunidades bentônicas, como indicadora da biodisponibilidade de metais traço (Cd, Cr, Cu, Co, Ni, Pb, Zn, Mn e As) em sedimentos estuarinos. Para a primeira etapa deste projeto serão utilizadas amostras de sedimentos lamosos coletada.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Francisco C. R. de Barros - Integrante / Sergio Luis Costa Ferreira - Integrante / Gabriel Cotrin de Souza - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2007 - 2009
Síntese de informações ambientais sobre os ecossistemas aquáticos da Baía de Todos os Santos (BA), com ênfase na Área da Refinaria Landulpho Alves - SIRLAM
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador.Financiador(es): CENPES - Auxílio financeiro.
2005 - 2008
Espécies indicadoras de qualidade ambiental da Baía de Todos os Santos, BA
Descrição: A Baía de Todos os Santos (BTS) é uma grande baía costeira localizada nas bordas da terceira maior cidade brasileira, Salvador. Dois centros industriais encontram-se na área de drenagem da baía, o centro industrial de Aratu e o maior complexo petroquímico do hemisfério sul. A BTS também dispõe de dois portos em funcionamento. A grande expansão populacional e industrial que vem ocorrendo na baía, potencialmente, tem gerado uma série de impactos ambientais. No entanto, apesar da relevância sócio-econômica da região, apenas um número limitado de trabalhos foram publicados sobre o impacto de atividades antrópicas em comunidades bentônicas. A maior parte destes estudos concentraram-se no efeito da contaminação orgânica sobre a fauna da região entre marés em poucas localidades ou testes ecotoxicológicos. A literatura que apresenta dados sobre a estrutura das comunidades bentônicas e suas relações com diferentes poluentes é bastante restrita e os dados são esparsamente distribuídos em termos de espaço e tempo. Assim, um estudo compreensivo das comunidades bentônicas juntamente com parâmetros geoquímicos dos principais tributários da BTS deve ser realizado. Os objetivos principais do presente projeto são (i) examinar a extensão dos efeitos de diferentes atividades antrópicas (e.g. indústrias químicas e refinarias) na estrutura (i.e. diversidade, composição e abundância) das comunidades bentônicas nos tributários da BTS e a variabilidade no espaço e no tempo desses efeitos; (ii) comparar a estrutura das comunidades bentônicas com a composição química do material em suspensão e do sedimento de fundo nos principais tributários da BTS; e (iii) investigar grupos de invertebrados e/ou espécies como indicadores biológicos da qualidade ambiental. Inicialmente serão estabelecidas estações fixas de amostragem, posicionadas acima do limite do estuário, nos rios Paraguaçu, Subaé e Jaguaripe. Medidas de pH, salinidade, temperatura, MS, oxigênio dissolvido e clorofila (realizadas com son.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Integrante / Francisco Carlos Rocha de Barros - Coordenador / Maria Betania Figueiredo - Integrante / Wagner Magalhães - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2
2005 - 2008
Determinação de metais traço e controle de qualidade de invertebrados marinhos: subsídios para a melhoria da condição sócio-econômica da comunidade extrativista do rio Subaé
Descrição: A acumulação de metais traço em organismos marinhos pode provocar problemas crônicos e agudos à saúde humana, pela ingestão contínua de alimentos contaminados. Populações ribeirinhas e costeiras, de baixa renda, dependente do extrativismo de invertebrados marinhos para consumo e sustento, são especialmente suscetíveis à intoxicação causada por metais traço, pois, a alimentação destas comunidades é predominantemente composta por invertebrados marinhos e pescados. A contaminação de invertebrados marinhos por metais traço já foi observada em moluscos coletados na Baía de Todos os Santos-BA. Atualmente mais de 800 pessoas praticam o extrativismo de invertebrados marinhos na região estuarina do rio Subaé e adjacências. Esta atividade é responsável pelo sustento de mais de 300 famílias de baixa renda. Através da Fundação para o Desenvolvimento de Comunidades Pesqueiras Artesanais/FUNDIPESCA, os coletores estão realizando estudos de viabilidade para construção de uma estação depuradora. Desta forma, os primeiros esforços para a garantia da qualidade sanitária, com relação à contaminação orgânica dos invertebrados comercializados nessa região estão sendo realizados. No entanto, dados relativos à contaminação por metais traço ainda são inexistentes. O estudo para avaliação da concentração de metais traço nos invertebrados marinhos destinados ao consumo terá aplicabilidade no controle de sua qualidade e prevenção de potenciais riscos à saúde humana. Este estudo é essencial para garantia da melhoria da qualidade de vida da comunidade extrativista, refletindo decisivamente nas políticas de desenvolvimento sócio-econômico da comunidade extrativista, visto sua íntima relação com a capacidade de trabalho. Por outro lado, a valorização e qualidade dos invertebrados marinhos têm caráter estratégico para a conquista e manutenção de mercados consumidores. Desta forma, os principais objetivos deste projeto são: i) Avaliar o nível de metais traço nos invertebrados marinhos da regi.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Sergio Luis Costa Ferreira - Integrante / Letícia M Cunha - Integrante / Francisco Carlos Rocha de Barros - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2
2005 - 2007
Monitoramento oceanográfico das áreas de risco a derramamentos de Óleo - Costa Central da Bahia
Descrição: O objetivo principal do projeto é a adaptação do Princeton Ocean Model (POM) à região de estudo, localizada entre as cidades de Salvador (ao norte) e Ilhéus (ao sul), de forma a obter um modelo de circulação oceânica que represente realisticamente a influência das várias forçantes (marés, circulação gerada pelo vento e/ou correntes de larga-escala) na dinâmica da área em questão e que possa ser usado para estudos de dispersão de óleo no mar. Este projeto estará vinculado ao Monitoramento Ambiental de Áreas de Risco a Derrames de Petróleo e seus derivados - REDE 05/01 - PETRORISCO, um projeto em rede com várias universidades do Norte/Nordeste, no qual o CPGG/UFBA participa através do monitoramento ambiental da BTS. Comparado ao passado recente, o entendimento da circulação na BTS e adjacências já sofreu um grande avanço científico e isto se deve em parte: i) a análise de uma vasta quantidade de dados observacionais obtidos tanto pelo Projeto Baia Azul, do Governo do Estado da Bahia, como pelos outros projetos desenvolvidos pelo Laboratório de Estudos Costeiros e em parte ii) devido aos resultados já obtidos pelas simulações numéricas com o POM. Esta bagagem adquirida é a razão pelo qual se deseja expandir geograficamente os conhecimentos existentes. A determinação dos processos dinâmicos que ocorrem na região de estudo é de grande valia tanto no âmbito regional como nacional..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Integrante / Guilherme C. Lessa - Integrante / Mauro Cirano - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2005 - 2007
Simulação da circulação costeira e Avaliação de derramamentos de Óleo na COsta do DEnde (SACODE)
Descrição: O estado da Bahia possui a mais longa linha de costa do país, com uma extensão de 1120 km (MARTIN et al., 1980). Ao longo do seu litoral estão localizadas duas importantes reentrâncias costeiras: i) a Baía de Todos os Santos (BTS), com uma área de 1270 km2 (a segunda maior no país) e que por localizar-se nas proximidades da área metropolitana de Salvador, está mais suscetível a impactos ecológicos, e ii) a Baía de Camamu, um santuário ecológico ainda intacto. Em conjunção com estes estuários, a região costeira é ainda caracterizada por uma grande ocorrência de recifes de corais ao longo de quase toda a sua extensão, sendo o Banco de Abrolhos (localizado ao sul do estado), o maior exemplo disto. Leão e Kikuchi (1999), através da uma compilação de trabalhos pretéritos publicados sobre o tema, mostram que a sobrevivência destes recifes depende diretamente do manejo eficaz e do uso sustentável dos seus recursos pela sociedade. O objeto deste estudo é a região que engloba a porção central do litoral baiano, localizado entre Salvador e Itacaré. A Costa do Dendê, como é chamado este trecho do litoral baiano, têm sido alvo freqüente da industria do petróleo e de gás natural (vide ANP, 2005, para o mapa atualizado com as concessões até a sexta rodada). Dos 1134 blocos exploratórios que serão licitados na Sétima rodada, 154 estão localizados na Bahia. De acordo com os dados da Agência Nacional do Petróleo de produção de petróleo de fevereiro de 2005, a Bahia ocupa a terceira colocação entre os estados brasileiros, com uma produção de 1,19 milhão de barris/mês. Um dos fatores cruciais para a avaliação do impacto de eventuais derramamentos de óleo ao longo destas regiões exploratórias é o conhecimento detalhado dos campos de circulação, tanto marinha como atmosférica, bem como das suas variações espaço-temporais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Integrante / Guilherme C. Lessa - Integrante / Mauro Cirano - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2004 - 2006
Tributarios da Baia de Todos os santos: caracterizacao e fluxos
Descrição: A Baía de Todos os Santos (BTS) é uma grande baía costeira localizada nas bordas da terceira maior cidade brasileira, Salvador (população 3 milhões de habitantes). Dois centros industriais encontram-se na área de drenagem da baía, o centro industrial de Aratu e o maior complexo petroquímico do hemisfério sul. A BTS também dispõe de dois portos em funcionamento. A grande expansão populacional e industrial que vem ocorrendo na baía, potencialmente, tem gerado uma série de impactos ambientais. No entanto, apesar da relevância sócio-econômica da região, apenas um número limitado de trabalhos foram publicados sobre o grau de contaminação dos sedimentos e águas da BTS e seus tributários. A maior parte destes estudos concentraram-se na determinação de compostos orgânicos e no efeito da contaminação orgânica sobre a biota. A literatura que apresenta dados de metais traços neste ambiente é bastante restrita e os dados são esparçamente distribuídos em termos de espaço e tempo. Vista a ausência de uma extensa base de dados de metais traços, elementos maiores e material em suspensão (MS) para a BTS e seus tributários (i.e. Rios Paraguaçu, Jaguaripe e Subaé), um estudo compreensivo da geoquímica destes elementos deve ser realizado. O material particulado em suspensão e parâmetros físico-químicos (pH, salinidade, turbidez, oxigênio dissolvido e temperatura) da coluna d?água dos tributários e da BTS serão examinados durante períodos chuvosos e secos para a avaliação da distribuição, comportamento, transporte e fluxos de metais traços para a BTS. O design amostral incluirá um número suficiente de replicatas para testar estatisticamente a significância de variações espaciais e temporais na composição do material em suspensão e dos parâmetros físico-químicos. As amostras coletadas também serão utilizadas para determinar o aporte e os fluxos sazonais do material em suspensão e metais de origem fluvial. A digestão do material particulado será realizada usando HCl (1M) em temperatur.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador / Diomedes Gualberto Figueiredo - Integrante / Francisco C. R. de Barros - Integrante / Guilherme C. Lessa - Integrante / Maria Betania Figueiredo - Integrante / Wagner Magalhães - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
1999 - 2002
Trace metal partitioning between particulate and dissolved phases in Port Jackson estuarine waters: radiochemical experiments
Descrição: Vide artigos.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Integrante / Gavin Birch - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 2
1999 - 2002
Trace metals in the tributaries of Port Jackson estuary, Syd
Descrição: Vide artigos publicados.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Vanessa Hatje - Coordenador.Financiador(es): Australian Research Council - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 4


Membro de corpo editorial


2017 - Atual
Periódico: FRONTIERS IN MARINE SCIENCE
2015 - Atual
Periódico: Frontiers in Ocean Observation
2012 - Atual
Periódico: Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso)


Membro de comitê de assessoramento


2018 - Atual
Agência de fomento: International Atomic Energy Agency
2016 - Atual
Agência de fomento: Comitê de Ciências do Mar
2015 - 2018
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
2014 - Atual
Agência de fomento: Scientific Commite on Oceanic Research
2014 - Atual
Agência de fomento: GEOTRACES
2010 - 2013
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia


Revisor de periódico


2001 - Atual
Periódico: Marine Pollution Bulletin
2003 - Atual
Periódico: Journal of Environmental Radioactivity
2003 - Atual
Periódico: Marine Chemistry (0304-4203)
2004 - Atual
Periódico: Journal of the Brazilian Chemical Society
2006 - Atual
Periódico: Journal of Geochemical Exploration (0375-6742)
2006 - Atual
Periódico: Journal of Hazardous Materials
2008 - Atual
Periódico: Geochimica Brasiliensis (Rio de Janeiro)
2012 - Atual
Periódico: E.T.C. Educação, Tecnologia e Cultura
2012 - Atual
Periódico: Revista Virtual de Química
2005 - Atual
Periódico: Química Nova (Impresso)
2013 - Atual
Periódico: Revista de Gestão Costeira Integrada
2014 - Atual
Periódico: Analytical Methods (Print)
2017 - Atual
Periódico: Environmental Technology & Innovation
2015 - Atual
Periódico: SCIENCE OF THE TOTAL ENVIRONMENT
2015 - Atual
Periódico: FRONTIERS IN MARINE SCIENCE
2018 - Atual
Periódico: ENVIRONMENTAL SCIENCE AND TECHNOLOGY LIBRARY


Revisor de projeto de fomento


2015 - Atual
Agência de fomento: Scientific Committe on Oceanic Research
2003 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
2010 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia
2010 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo
2007 - Atual
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior
2007 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Poluição Marinha.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Biogeoquímica de elementos traços nos oceanos.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Biomarcadores e biomonitores.
4.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Transporte de contaminantes na interface continente-oceano.
5.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Dinâmica de C em ecosistemas costeiros.
6.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Elementos Tecnologicamente Críticos.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2017
Prêmio Mulheres na Ciência - Pesquisador de Destaque, Governo do Estado da Bahia - FAPESB.
2016
American Chemical Society Editors' Choice initiative, American Chemical Society.
2013
Prêmio PublIC 2012, PROPCI/UFBA/FAPEX- Universidade Federal da Bahia.
2010
Pêmio PUBLIC FAPEX 2010, UFBA/FAPEX.
2009
Prêmio Public FAPEX 2009, Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação e FAPEX.
2001
AINSIE Grant, Australian Institute of Nuclear Science and Engineering.
2001
Postgraduate Research Students Conference Travel Grant, The University of Sydney.
2000
Small Grants Scheme., Australian Research Council.
2000
Postgraduate Research Students Conference Travel Grant Scheme, The University of Sydney.
1992
Apresentacao oral - Jovem Cientista- Rio Grande-RS, CNPq.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:41
Total de citações:774
Fator H:18
Hatje, Vanessa  Data: 27/05/2018

SCOPUS
Total de trabalhos:51
Total de citações:899
Vanessa Hatje; v. Hatje  Data: 31/05/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
EGRES, ALINE GONZALEZ2019EGRES, ALINE GONZALEZ ; Hatje, Vanessa ; MIRANDA, DANIELE A. ; GALLUCCI, FABIANE ; BARROS, FRANCISCO . Functional response of tropical estuarine benthic assemblages to perturbation by Polycyclic Aromatic Hydrocarbons. ECOLOGICAL INDICATORS, v. 96, p. 229-240, 2019.

2.
HADLICH, H. L.2018HADLICH, H. L. ; VENTURINI, N. ; MARTINS, C. C. ; Hatje, Vanessa ; TINELLI, P. ; GOMES, L. E. O. ; BERNARDINO, A. F. . Multiple biogeochemical indicators of environmental quality in tropical estuaries reveal contrasting conservation opportunities. ECOLOGICAL INDICATORS, v. 95, p. 21-31, 2018.

3.
PEDREIRA, RODRIGO M.A.2018PEDREIRA, RODRIGO M.A. ; PAHNKE, KATHARINA ; BÖNING, PHILIPP ; Hatje, Vanessa . Tracking hospital effluent-derived gadolinium in Atlantic coastal waters off Brazil. WATER RESEARCH, v. 145, p. 62-72, 2018.

4.
Hatje, Vanessa2017Hatje, Vanessa; ATTISANO, KARINA KAMMER ; DE SOUZA, MARCELO FRIEDERICHS LANDIM ; MAZZILLI, BARBARA ; DE OLIVEIRA, JOSELENE ; DE ARAÚJO MORA, TAMIRES ; BURNETT, WILLIAM C. . Applications of radon and radium isotopes to determine submarine groundwater discharge and flushing times in Todos os Santos Bay, Brazil. JOURNAL OF ENVIRONMENTAL RADIOACTIVITY, v. 178-179, p. 136-146, 2017.

5.
Hatje, Vanessa2017Hatje, Vanessa; PEDREIRA, RODRIGO M. A. ; DE REZENDE, CARLOS EDUARDO ; SCHETTINI, CARLOS AUGUSTO FRANÇA ; DE SOUZA, GABRIEL COTRIM ; MARIN, DANIELI CANAVER ; HACKSPACHER, PETER CHRISTIAN . The environmental impacts of one of the largest tailing dam failures worldwide. Scientific Reports, v. 7, p. 10706, 2017.

6.
ANDRADE, R.L.B.2017ANDRADE, R.L.B. ; HATJE, V. ; MASQUÉ, P. ; ZURBRICK, C.M. ; BOYLE, E.A. ; SANTOS, W.P.C. . Chronology of anthropogenic impacts reconstructed from sediment records of trace metals and Pb isotopes in Todos os Santos Bay (NE Brazil). MARINE POLLUTION BULLETIN, v. 1, p. 1-14, 2017.

7.
PEDREIRA, R.M.A.2017PEDREIRA, R.M.A. ; BARROS, F. ; FARIAS, C. DE O. ; WAGENER, A.L. ; HATJE, V. . A tropical bay as a reference area defined by multiple lines of evidences. MARINE POLLUTION BULLETIN, v. 1, p. 1-14, 2017.

8.
41CARREIRA, R.S.2016CARREIRA, R.S. ; CORDEIRO, L.G.M.S. ; BERNARDES, M.C. ; HATJE, V. . Distribution and characterization of organic matter using lipid biomarkers: A case study in a pristine tropical bay in NE Brazil. Estuarine, Coastal and Shelf Science (Print), v. 168, p. 1-9, 2016.

9.
1Hatje, Vanessa2016Hatje, Vanessa; BRULAND, KENNETH W. ; FLEGAL, A. RUSSELL . Increases in anthropogenic gadolinium anomalies and rare earth element concentrations in San Francisco Bay over a twenty-year record. Environmental Science & Technology, v. 1, p. acs.est.5b04322, 2016.

10.
3RIBEIRO, LUISA F.2016RIBEIRO, LUISA F. ; EÇA, GILMARA F. ; BARROS, FRANCISCO ; Hatje, Vanessa . Impacts of shrimp farming cultivation cycles on macrobenthic assemblages and chemistry of sediments. Environmental Pollution (1987), v. 211, p. 307-315, 2016.

11.
TURNER, D.2016TURNER, D. ; ACHTERBERG, E. P. ; CHEN, C. A. ; CLEGG, S. ; Hatje, Vanessa ; MALDONADO, M. ; SANDER, S. G. ; BERG, C. M. V. D. ; WELLS, M. . Towards a quality-controlled and accessible Pitzer model for seawater and related systems. Frontiers in Marine Science, v. 3, p. 139, 2016.

12.
Hatje, Vanessa2016Hatje, Vanessa; de Souza, Manuel M. ; RIBEIRO, LUISA F. ; EÇA, GILMARA F. ; BARROS, FRANCISCO . Detection of environmental impacts of shrimp farming through multiple lines of evidence. Environmental Pollution (1987), v. 219, p. 672-684, 2016.

13.
42Hatje, Vanessa2016Hatje, Vanessa. On Top of a Mining Disaster, Coping with Ethical Issues. Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso), v. 27, p. 1137, 2016.

14.
Cotrim, Gabriel2016Cotrim, Gabriel ; FAHNING, CRISTIANE S. ; ROCHA, GISELE O. DA ; Hatje, Vanessa . Endocrine disruptors: strategies for determination and occurrence in marine environments. Revista da Gestão Costeira Integrada, v. 16, p. 299-326, 2016.

15.
CHARETTE, MATTHEW A.2016CHARETTE, MATTHEW A. ; LAM, PHOEBE J. ; LOHAN, MAEVE C. ; KWON, EUN YOUNG ; Hatje, Vanessa ; JEANDEL, CATHERINE ; SHILLER, ALAN M. ; CUTTER, GREGORY A. ; THOMAS, ALEX ; BOYD, PHILIP W. ; HOMOKY, WILLIAM B. ; MILNE, ANGELA ; THOMAS, HELMUTH ; ANDERSSON, PER S. ; PORCELLI, DON ; TANAKA, TAKAHIRO ; GEIBERT, WALTER ; DEHAIRS, FRANK ; GARCIA-ORELLANA, JORDI . Coastal ocean and shelf-sea biogeochemical cycling of trace elements and isotopes: lessons learned from GEOTRACES. PHILOSOPHICAL TRANSACTIONS OF THE ROYAL SOCIETY A-MATHEMATICAL PHYSICAL AND ENGINEERING SCIENCES, v. 374, p. 20160076, 2016.

16.
43Hatje, Vanessa2015Hatje, Vanessa. Chemistry of Our Oceans. Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso), v. 26, p. 2170-2171, 2015.

17.
Amorin, F.N.2015Amorin, F.N. ; REZENDE, L. ; M. Cirano ; LESSA, G. C. ; SILVA, P. ; HATJE, V . Oceanographic characteristics of Camamu Bay (14S, Brazil) during dry and wet conditions.. REVISTA BRASILEIRA DE GEOFÍSICA (IMPRESSO), v. 33, p. 1-14, 2015.

18.
2Hatje, Vanessa2014Hatje, Vanessa; BRULAND, KENNETH W. ; FLEGAL, A. RUSSELL . Determination of rare earth elements after pre-concentration using NOBIAS-chelate PA-1®resin: Method development and application in the San Francisco Bay plume. Marine Chemistry (Print), v. 160, p. 34-41, 2014.

19.
4LEITE, A.S.2014LEITE, A.S. ; SANTOS, L.L. ; COSTA, Y. ; HATJE, V. . Influence of proximity to an urban center in the pattern of contamination by marine debris. Marine Pollution Bulletin., v. 81, p. 242-247, 2014.

20.
8RIBEIRO, LUISA FERREIRA2014RIBEIRO, LUISA FERREIRA ; SOUZA, MANUEL C. M. B. N. DE ; BARROS, FRANCISCO ; Hatje, Vanessa . Desafios da carcinicultura: aspectos legais, impactos ambientais e alternativas mitigadoras. Revista da Gestão Costeira Integrada, v. 160, p. 1, 2014.

21.
7EÇA, GILMARA F.2014EÇA, GILMARA F. ; BRITO, G. B. ; BARBOSA, I. S. ; KORN, M. G. A. ; Hatje, Vanessa . Microwave-assisted acid Digestion Procedure for Trace Elements Determination in Polychaete. Revista Virtual de Química, v. 6, p. 1047-1061, 2014.

22.
6KRULL, M.2014KRULL, M. ; ABESSA, D. ; Hatje, Vanessa ; BARROS, F. . Integrated assessment of metal contamination in sediments from two tropical estuaries. Ecotoxicology and Environmental Safety, v. 106, p. 195-203, 2014.

23.
5LOPES DOS SANTOS, WALTER NEI2014LOPES DOS SANTOS, WALTER NEI ; MACEDO, SAMUEL MARQUES ; TEIXEIRA DA ROCHA, SOFIA NEGREIROS ; SOUZA DE JESUS, CAIO NIELA ; CAVALCANTE, DANNUZA DIAS ; Hatje, Vanessa . Evaluation of optimal conditions for determination of low selenium content in shellfish samples collected at Todos os Santos Bay, Bahia, Brazil using HG-AFS. Environmental Monitoring and Assessment (Print), v. 186, p. 5027-5032, 2014.

24.
12Nóbrega, Joaquim A.2013Nóbrega, Joaquim A. ; Hatje, Vanessa . Honoring our heritage and moving ahead. Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso), v. 24, p. 1-2, 2013.

25.
11HATJE, V.2013HATJE, V.; COSTA, M. F. ; CUNHA, L. C. . Oceanografia e Química: unindo conhecimentos em prol dos oceanos e da sociedade. Química Nova (Impresso), v. 36, p. 1497-1508, 2013.

26.
10EÇA, GILMARA F.2013EÇA, GILMARA F. ; PEDREIRA, RODRIGO M.A. ; Hatje, Vanessa . Trace and major elements distribution and transfer within a benthic system: Polychaete Chaetopterus variopedatus, commensal crab Polyonyx gibbesi, worm tube, and sediments. Marine Pollution Bulletin., v. 74, p. 32-41, 2013.

27.
9LISBOA, NORMANDO S.2013LISBOA, NORMANDO S. ; FAHNING, CRISTIANE S. ; Cotrim, Gabriel ; DOS ANJOS, JEANCARLO P. ; DE ANDRADE, JAILSON B. ; Hatje, Vanessa ; DA ROCHA, GISELE O. . A simple and sensitive UFLC-fluorescence method for endocrine disrupters determination in marine waters. Talanta (Oxford), v. 117, p. 168-175, 2013.

28.
16Filho, Carlos V.S.M.2012Filho, Carlos V.S.M. ; dos Santos, Wagna P.C. ; de Kikuchi, Ruy K.P. ; Hatje, Vanessa ; HATJE, V . Decontamination procedure for trace elements determination in coral skeleton samples. Microchemical Journal (Print), v. 102, p. 123-129, 2012.

29.
15ECA, G. F.2012ECA, G. F. ; Mendonca Filho, C.V. ; HATJE, V ; dos Santos, W.P.C . CORAIS COMO ORGANISMOS BIOMONITORES: APLICAÇÃO, PRÉ-TRATAMENTO E DETERMINAÇÃO DE ELEMENTOS MAJORITÁRIOS E MINORITÁRIOS. Química Nova (Impresso), v. 35, p. 581-592, 2012.

30.
14BARROS, Francisco Carlos Rocha de2012BARROS, Francisco Carlos Rocha de ; CARVALHO, G. C. ; COSTA, Y. ; HATJE, V . Subtidal benthic macroinfaunal assemblages in tropical estuaries: Generality amongst highly variable gradients. Marine Environmental Research, v. 81, p. 43-52, 2012.

31.
17HATJE, V2012HATJE, V; DANTAS, L. M. V. ; Ribeiro, N.M. ; ANDRADE, J. B. . A Química, suas interfaces e a Baía de Todos os Santos, uma das muitas baías do Brasil. Revista Virtual de Química, v. 4, p. 494-496, 2012.

32.
19VINHAES, L.2012VINHAES, L. ; HATJE, V ; Ribeiro, N.M. ; ANDRADE, J. B. . Programa de Pesquisa Baía de Todos os Santos: Resposta à Complexidade das Demandas por Conhecimento. Revista Virtual de Química, v. 4, p. 497-516, 2012.

33.
18da Rocha, G.O.2012da Rocha, G.O. ; ANDRADE, J. B. ; ECA, G. F. ; Brito, G.G. ; Maria das G. A. Korn ; HATJE, V. . Contaminação na Baía de Todos os Santos. Revista Virtual de Química, v. 4, p. 583-610, 2012.

34.
13Hatje, Vanessa2012Hatje, Vanessa; BARROS, FRANCISCO . Overview of the 20th century impact of trace metal contamination in the estuaries of Todos os Santos Bay: Past, present and future scenarios. Marine Pollution Bulletin., v. 64, p. 2603-2614, 2012.

35.
20de Souza, Manuel M.2011de Souza, Manuel M. ; Windmöller, .C.C. ; HATJE, V . Shellfish from Todos os Santos Bay, Bahia, Brazil: Treat or threat?. Marine Pollution Bulletin., v. 62, p. 2254-2263, 2011.

36.
22dos Santos, Wagna P.C.2010dos Santos, Wagna P.C. ; HATJE, V ; Santil, Darlan da S. ; Fernandes, Andréa P. ; Korn, Maria Graças A. ; de Souza, Manuel M. . Optimization of a centrifugation and ultrasound-assisted procedure for the determination of trace and major elements in marine invertebrates by ICP OES. Microchemical Journal (Print), v. 95, p. 169-173, 2010.

37.
21HATJE, V2010HATJE, V; Macedo, S.M. ; de Jesus, R.M. ; COTRIM, G. ; Garcia, K.S. ; de Queiroz, A.F. ; Ferreira, S.L.C. . Inorganic As speciation and bioavailability in estuarine sediments of Todos os Santos Bay, BA, Brazil. Marine Pollution Bulletin., v. 60, p. 2225-2232, 2010.

38.
26Hatje, Vanessa2009Hatje, Vanessa; Costa, Letícia M. ; Korn, Maria Graças A. ; Cotrim, Gabriel . Speeding up HCl extractions by employing ultrasound energy to evaluate trace elements bioavailability in sediments. Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso), v. 20, p. 846-852, 2009.

39.
23HATJE, V;Hatje, Vanessa2009HATJE, V. Como preparar uma boa apresentação científica?. E.T.C. Educação, Tecnologia e Cultura, v. 1, p. 29-33, 2009.

40.
25COSTA, Leticia M2009COSTA, Leticia M ; Santos, Daniele C.M.B. ; HATJE, V ; GRAÇAS, Korn Maria das ; Nóbrega, Joaquim A. . Focused-microwave-assisted acid digestion: Evaluation of losses of volatile elements in marine invertebrate samples. Journal of Food Composition and Analysis, v. 22, p. 238-241, 2009.

41.
24Macedo, Samuel M.2009Macedo, Samuel M. ; de Jesus, Raildo M. ; Garcia, Karina S. ; Hatje, Vanessa ; de S. Queiroz, Antonio F. ; Ferreira, Sergio L.C. ; HATJE, V . Determination of total arsenic and arsenic (III) in phosphate fertilizers and phosphate rocks by HG-AAS after multivariate optimization based on Box-Behnken design. Talanta (Oxford), v. 80, p. 974-979, 2009.

42.
30HATJE, V;Hatje, Vanessa2008HATJE, V; BARROS, Francisco C. R. de ; Magalhães, W. ; Riatto, V.B. ; Amorin, F.N. ; FIGUEIREDO, Maria Betania ; Spano, S. ; M. Cirano . Trace metals and benthic macrofauna distributions in Camamu Bay, Brazil: sediment quality prior oil and gas exploration. Marine Pollution Bulletin, v. 56, p. 363-370, 2008.

43.
27W.P.C. Santos2008W.P.C. Santos ; HATJE, V ; Lima, L.N. ; S.V. Trignano ; BARROS, Francisco Carlos Rocha de ; J.T. Castro ; KORN, Maria das Graças . Evaluation of sample preparation (grinding and sieving) of bivalves, cofee and cowpea beans for multi-element analysis. Microchemical Journal, v. 89, p. 123-130, 2008.

44.
29BARROS, Francisco C. R. de2008BARROS, Francisco C. R. de ; HATJE, V ; FIGUEIREDO, Maria Betania ; Magalhães, W. ; Doria, H. . The structure of the benthic macrofaunal assemblages and sediments characteristics of the Paraguaçu estuarine system, NE, Brazil. Estuarine, Coastal and Shelf Science, v. 56, p. 363-369, 2008.

45.
28DASILVA, E2008DASILVA, E; HATJE, V ; DOSSANTOS, W ; COSTA, L ; NOGUEIRA, A ; FERREIRA, S . Fast method for the determination of copper, manganese and iron in seafood samples. Journal of Food Composition and Analysis, v. 21, p. 259-263, 2008.

46.
31Hatje, Vanessa2006Hatje, Vanessa; Santos, Denilson S. S. dos ; Korn, Maria das Graças A. . Preparation of an estuarine sediment quality control material for the determination of trace metals. Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso), v. 17, n.2, p. 357-363, 2006.

47.
32HATJE, V;Hatje, Vanessa2006HATJE, V; BARROS, Francisco C. R. de ; FIGUEIREDO, Diomedes Gualberto ; SANTOS, Vera L. C. S. . Trace metal contamination and benthic assemblages in Subaé estuarine system, Brazil. Marine Pollution Bulletin, publicado na web em 2006, v. 52, p. 969-977, 2006.

48.
33HATJE, V;Hatje, Vanessa2004HATJE, V; HILL, D. ; Tim Payne ; Itakura, T. ; McOrist, G. . Radionuclide applications in laboratory studies of environmental surface reactions. Journal of Environmental Radioactivity, v. 76, p. 237-251, 2004.

49.
36HATJE, V;Hatje, Vanessa2003 HATJE, V. Particulate trace metal and major element distributions over consecutive tidal cycles in Port Jackson estuary, Australia. Environmental Geology (Berlin), v. 44, p. 231-239, 2003.

50.
35HATJE, V;Hatje, Vanessa2003 HATJE, V; HILL, D. ; BIRCH, G. ; Tim Payne ; McOrist, G. . Kinetics of trace metals uptake and release by particles in estuarine waters: effects of salinity and particle loading. Environment International, Inglaterrra, v. 29, p. 619-629, 2003.

51.
34HATJE, V;Hatje, Vanessa2003 HATJE, V; Simon Apte ; Leigh Hales ; BIRCH, G. . Dissolved trace metal distributions in Port jackson estuary (Sydney Harbour), Australia. Marine Pollution Bulletin, v. 46, p. 719-730, 2003.

52.
38HATJE, V;Hatje, Vanessa2001 HATJE, V; RAE, K. ; BIRCH, G. . Trace metal and total suspended solids concentrations in freshwater: importance of small-temporal variation. Journal of Environmental Monitoring, UK, v. 3, p. 251-256, 2001.

53.
37HATJE, V;Hatje, Vanessa2001HATJE, V; BIRCH, G. ; HILL, D. . Spatial and Temporal variability of particulate trace metals in Port Jackson estuary, Australia. Estuarine, Coastal and Shelf Science, UK, v. 56, p. 1-16, 2001.

54.
39HATJE, V;Hatje, Vanessa1998HATJE, V; BIDONE, E. D. ; MADDOCK, J. L. . Estimation of the natural and anthropogenic components of heavy metal fluxes in fresh water Sinos river, RS, South Brazil. Environmental Technology, USA, v. 19, p. 483-487, 1998.

55.
40SAHUQUILLO, A.1995SAHUQUILLO, A. ; LOPEZ-SANCHEZ, J. ; RUBIO, R. ; HATJE, V . Sequential extration of trace metals from sediments: validation of Cr determination in the extracts by AAS. Fresenius' Journal of Analytical Chemistry, UK, v. 351, p. 197-203, 1995.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
HATJE, V.; DANTAS, L. M. V. ; DE ANDRADE, JAILSON B. . Baía de Todos os Santos: avanços nos estudos de longo prazo. 1. ed. Salvador: EDUFBA, 2018.

2.
De ANDRADE, J. B. (Org.) ; Hatje, Vanessa (Org.) ; Ribeiro, N.M. (Org.) ; MEIRELLES, G. (Org.) . Atlas da culinária na Baía de Todos os Santos. 1. ed. Salvador: EDUFBA, 2013. v. 1. 179p .

3.
HATJE, V; ANDRADE, J. B. (Org.) . Baía de Todos os Santos: aspectos oceanográficos. Salvador: EDUFBA, 2009. v. 1. 306p .

Capítulos de livros publicados
1.
DANTAS, L. M. V. ; HATJE, V ; Ribeiro, N.M. ; LIMA NETO, J. L. A. . Agenda de pesquisa para a Baía de Todos os Santos 2008-2018. In: Hatje, V., Dantas, L.M.V., de Andrade, J.B.. (Org.). Baía de Todos os Santos: avanços nos estudos de longo prazo. 1ed.Salvador: UFBA, 2018, v. , p. 247-282.

2.
HATJE, V; Da ROCHA, G. O. ; LEONEL, J. ; SOUZA, G. C. ; FAHNING, CRISTIANE S. . Estudos de caso e futuros desafios para a avaliação da qualidade dos ecossistemas marinhos da Baía de Todos os Santos. In: Hatje, V., Dantas, L.M.V., de Andrade, J.B.. (Org.). Baía de Todos os Santos: avanços nos estudos de longo prazo. 1ed.Salvador: EDFUBA, 2018, v. , p. 193-246.

3.
Hatje, Vanessa. Biomonitors. In: Michael J. Kennish. (Org.). Encyclopedia of Earth Sciences Series. 1ed.: Springer Netherlands, 2016, v. , p. 83-84.

4.
Hatje, Vanessa. Pharmaceuticals. In: Michael J. Kennish. (Org.). Encyclopedia of Earth Sciences Series. 1ed.: Springer Netherlands, 2016, v. , p. 481-483.

5.
HATJE, V; BICEGO, M. ; Correia, G. ; ANDRADE, J. B. . Contaminaçao Química. In: Vanessa Hatje; Jailson B. de Andrade. (Org.). Baía de Todos os Santos: oceanografia química. Salvador: EDUFBA, 2009, v. 1, p. 243-298.

6.
HATJE, V; ANDRADE, J. B. . Introducao. In: Vanessa Hatje; Jailson B. de Andrade. (Org.). Baía de Todos os Santos: aspectos oceanograficos. Salvador: EDUFBA, 2009, v. 1, p. 15-24.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
HATJE, V.. MRI use causes gadolinium levels to rise in SF Bay. AuntMinnie, San Francisco, Califórnia, 26 jan. 2016.

2.
HATJE, V.; BRULAND, KENNETH W. ; FLEGAL, A. RUSSELL . MRI Patients Flush Gadolinium Into San Francisco Bay. Chemical and Engeniring News, 25 jan. 2016.

3.
HATJE, V. Beleza e riqueza na maior baía do Brasil. A Tarde, Salvador, p. 11 - 15, 01 nov. 2011.

4.
ANDRADE, J. B. ; HATJE, V . Baía de Todos os Santos sob amplo e profundo estudo. Journal da Península, Salvador, p. 4 - 5, 01 fev. 2010.

5.
HATJE, V. Metais pesados contaminam Baia de Todos os Santos. Infociencia, p. 5 - 5, 01 jun. 2007.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
HATJE, V. Qualidade de agua na legislacao brasileira: historico, criticas e sugestoes. In: Congresso Internacional de Direito Ambiental, 1997, Sao Paulo. Anais do Congresso Internacional de Direito Ambiental. Sao Paulo: Instituto o Direito por um Planeta Verde, 1997. p. 447-459.

2.
HATJE, V; BIDONE, E. D. . Rastreamento de risco toxicologico a saude humana por ingestao de metais pesados. Rio dos Sinos, RS. In: XII Simposio Brasileiro de Recursos Hidricos, 1997, Vitoria-ES. Anais do XII Simposio Brasileiro de Recursos Hidricos, 1997. v. 3. p. 703-709.

3.
HATJE, V; Baisch, P. . Impactos antropicos na geoquimica dos sedimentos no rio dos Sinos. In: X Simposio Brasileiro de Recursos Hidricos, 1993, Porto Alegre. Anais de X Simposio Brasileiro de Recursos Hidricos, 1993. v. 4. p. 414-423.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
HATJE, V; SOUZA, M. C. M. B. N. . Inorganic contamination and human health risk assessment due to consumption of shellfish inTodos os Santos Bay, Bahia, Brazil. In: ASLO Aquatic Sciences Metting: Limnology& Oceanography in a Chanching World, 2011, San Juan, Porto Rico. ASLO 2011: Book of Abstracts, 2011.

2.
HATJE, V. Trace metals contamination in Brazilian large coastal systems. In: CMetais traço em sistemas costeiros brasileiros: síntese do conhecimento e cenários futuros, 2011, Natal. Programação, Resumo das Palestras e Mesas redondas do Metais traço em sistemas costeiros brasileiros: síntese do conhecimento e cenários futuros. Rio de Janeiro: ABBM, 2011. v. 1. p. 98-101.

3.
HATJE, V.; Lima, L.N. ; SOUZA, M. C. M. B. N. . Desenvolvimento metodológico e avaliação de teores de elementos maiores e menores em invertebrados marinhos do reconcavo baiano. In: III Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2008, Fortaleza. Anais do III Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2008.

4.
HATJE, V; COTRIM, G. . Avaliação da biodisponibilidade de metais traço em sedimentos estuarinos. In: III Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2008, Salvador. Anais do III Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2008.

5.
HATJE, V; LESSA, G. C. ; Riatto, V.B. ; BARROS, Francisco C. R. de ; FIGUEIREDO, Maria Betania . Geoquímica dos principais tributários da Baía de Todos os Santos, Bahia, BR. In: XII Congresso Latino Americano de Ciências do Mar, 2007, Florianópolis. Cd do evento. Florianópolis: AOCEANO e ALICMAR, 2007.

6.
BARROS, Francisco C. R. de ; Magalhães, W. ; HATJE, V ; Spano, S. ; FIGUEIREDO, Maria Betania ; M. Cirano . Assembléias bentônicas da Baía de Camamu. In: XII Congresso Latino-Americano de Ciências do Mar, 2007, Florianópolis. CD do COLACMAR. Florianópolis: AOCEANO ALICMAR, 2007.

7.
FIGUEIREDO, Maria Betania ; BARROS, Francisco C. R. de ; Magalhães, W. ; HATJE, V . Padrão de distribuição das assembléias de macrozoobentos e sua relação com variáveis ambientais no estuário do Rio Paraguaçu, BA, BR. In: XII Congresso Latino Americano de Ciências do Mar, 2007, Florianópolis. CD do XII COLACMAR, 2007.

8.
Magalhães, W. ; FIGUEIREDO, Maria Betania ; BARROS, Francisco C. R. de ; HATJE, V . Tendências do padrão de diversidade alfa ao longo de um gradiente de salinidade no estuário do Rio Paraguaçu, BA, BR. In: XII Congresso Latino-Americano de Ciências do Mar, 2007, Florianópolis. CD do XII COLACMAR, 2007.

9.
Santos, D.C.M.B. ; HATJE, V ; KORN, Maria das Graças ; COSTA, Letícia M . Avaliação Preliminar dos teores de metais traço em invertebrados marinhos comestíveis do recôncavo baiano, BA. In: X Encontro Nacional sobre Contaminantes Inorgânicos, 2006, Belo Horizonte. Resumos do X Encontro Nacional sobre Contaminantes Inorgânicos, 2006. v. 1. p. 214-217.

10.
SILVA, E. G. P. ; HATJE, V ; SANTOS, W. N. L. ; COSTA, Leticia M ; FERREIRA, Sergio Luis Costa . Determinação de Cu, Mn, Fe em maricos utilizando amostragem direta de suspensão e detecção por FS FAAS. In: X Encontro Nacional sobre Contaminantes Inorgânicos, 2006, Belo Horizonte. Livro de Resumos do X Encontro Nacional sobre Contaminantes Inorgânicos, 2006. p. 110-113.

11.
HATJE, V; BIDONE, E. D. . Estimativa das componentes naturais e antrópicas dos fluxos de metais pesados no Rio dos Sinos-RS. In: VI Congresso Brasileiro de Geoquímica, 1997, Salvador. Anais do VI Congresso Brasileiro de Geoquímica, 1997. v. 1. p. 162-165.

12.
HATJE, V; Baisch, P. . Enriquecimento e associação geoquímica dos metais pesados nos sedimentos do Rio dos Sinos. In: VI Congresso Brasileiro de Geoquímica, 1997, Salvador. Anais do VI Congresso Brasileiro de Geoquímica, 1997. v. 1.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
HATJE, V; Macedo, S.M. ; de Jesus, Raildo M. ; FERREIRA, Sergio Luis Costa . As speciation along Todos os Santos Bay. In: 6th Int. Conf. on Marine Pollution and Ecotoxicology, 2010, Hong Kong. Programs and Abstracts. Hong Kong: City University of Hong kong, 2010. v. 1. p. P83.

2.
HATJE, V; Mendonca Filho, C.V. ; dos Santos, W.P.C ; Kikuchi, R. K. P. . Decontamination prodecures for coral samples determination. In: SETAC Asia/Pacifica 2010, 2010, Guagzhou. Program and Abstracts, 2010. v. 1. p. 338.

3.
Macedo, Samuel M. ; de Jesus, Raildo M. ; HATJE, V ; Ferreira, Sergio L.C. . Especiação de As inorgãnico em fertilizante a base de superfosfato, rochas fosfatadas e sedimentos em pregando amostragem de suspensão e HG FAAS. In: Congresso Uruguayo de Química Analítica, 2009, Montevideo. Livro de Resumos do I Congresso Uruguayo de Química Analítica, 2009.

4.
HATJE, V; Macedo, Samuel M. ; de Jesus, Raildo M. ; COTRIM, G. ; Santana, F.A. ; Ferreira, Sergio L.C. . As speciation in estuarine sediments of Todos os Santos Bay, BA, Brs. In: XIII Congresso Latinoamericano de Ciencias del Mar, 2009, Havana. Anais do XIII Congresso Latinoamericano de Ciencias del Mar, 2009.

5.
HATJE, V; SOUZA, M. C. M. B. N. ; Caricchio, C. . Avaliação preliminar de risco a saúde humana devido ao consumo de invertebrados marinhos. In: XIII COLACMAR, 2009, Havana. Anais do XIII ColacMarCuba, 2009.

6.
COTRIM, G. ; BARROS, Francisco C. R. de ; HATJE, V . Avaliação da biodisponibilidade de metais traço em sedimentos estuarinos. In: XIII ColacMarCuba, 2009, Havana. Anais do XIII ColacMarCuba, 2009.

7.
HATJE, V; Macedo, S.M. ; de Jesus, R.M. ; COTRIM, G. ; FERREIRA, Sergio Luis Costa . Especiação de As em sedimentos estuarinos. In: ENQA, 2009, Salvador. Anais do XV ENQA, 2009.

8.
Fernandes, A.P. ; dos Santos, W.P.C ; HATJE, V ; Santil, D.da S. ; SOUZA, M. C. M. B. N. ; KORN, Maria das G . Optimization of a centrifugation and ultra-sound assisted procedure for determinations of trace and major elements in marine invertebrates samples. In: Thenth Rio Symposium on Atomic Spectrometry, 2008, Salvador. Book of abstracts - Thenth Rio Symposium on Atomic Spectrometry, 2008.

9.
Mendonca Filho, C.V. ; HATJE, V ; dos Santos, W.P.C ; Kikuchi, R.K.P. . Evaluation of decontamination procedures for coral samples for the determination of trace and major elements by ICP OES. In: Tenth Rio Symposium on Atomic Spectrometry, 2008, Salvador. Book of Abstracts, 2008.

10.
Lima, L.N. ; HATJE, V . Contaminação de invertebrados marinhos. In: VIII Seminário de Pesquisa e Pós-graduação, 2007, Salvador. Resumos do VIII Seminário de Pesquisa e Pós-graduação. Salvador: UFBA, 2007. v. cd-rom.

11.
W.P.C. Santos ; HATJE, V ; Lima, L.N. ; S.V. Trignano ; BARROS, Francisco Carlos Rocha de ; J.T. Castro . Avaliação de pré-tratamento de amostras de alimentos: moagem e peneiragem. In: 14 Encontro Nacional de Química Analítica, 2007, João Pessoa. Anais do 14 Encontro Nacional de Química Analítica, 2007. v. CD-rom.

12.
W.P.C. Santos ; HATJE, V ; KORN, Maria das Graças ; S.V. Trignano ; Lima, L.N. ; COSTA, Leticia M . Avaliação preliminar da concentração de metais traço e invertebrados marinhos comestíveis do recôncavo baiano. In: II Congresso Iberoamericano y IV Congresso Argentino de Química Analítica, 2007, Buenos Aires. Libro de Resumenes. Buenos Aires: Associacion Argentina de Quimicos Analiticos, 2007. p. 337-337.

13.
Lima, L.N. ; HATJE, V . Hidrogeoquímica do estuário do Rio Paraguaçu. In: VII Seminário de Pesquisa e Pós-Graduação, 2006, Salvador. Hidrogeoquímica do estuário do rio Paraguaçu, BA. Salvador: UFBA, 2006. p. 59-59.

14.
FIGUEIREDO, Maria Betania ; HATJE, V ; BARROS, Francisco C. R. de ; Doria, H. . Distribution and occurence of polycyclic aromatic hydrocarbons in surface sediments of Paraguaçu river estuary, Todos os Santos Bay, Brazil. In: 10th ALAGO Congress on Organic Geochemistry, 2006, Salvador. Abstracts of 10th ALAGO Congress on Organic Geochemistry, 2006.

15.
SILVA, E. G. P. ; HATJE, V ; SANTOS, W. N. L. ; COSTA, Leticia M ; FERREIRA, Sergio Luis Costa . Cryogenic grinding and slurry sampling in method for the determination of copper, manganese and iron in seafood samples using sequential multi-element flame absorption spectrometry. In: 10th ALAGO Congress on Organic GeochemistryIX Rio Symposium on Atomic Spectrometry, 2006, Venezuela. Abstracts 10th ALAGO Congress on Organic Geochemistry, 2006.

16.
BARROS, Francisco C. R. de ; HATJE, V ; FIGUEIREDO, Maria Betania ; Magalhães, W. ; Melo, M.C. . Avaliação da contaminação do estuário do estuário do Rio paraguaçu, Baía de Todos os Santos-BA: assembléias bentônicas, metais traço e nutrientes. In: III Simpósio Brasileiro de Oceanografia, 2006, São Paulo. Anais do III Simpósio Brasileiro de Oceanografia, 2006.

17.
HATJE, V; LESSA, G. C. ; BARROS, Francisco C. R. de ; Riatto, V.B. . Teores e fluxos de metais traço associados ao material particulado em suspensão dos principais tributários da Baía de Todos os Santos. In: III Simpósio Brasileiro de Oceanografia, 2006, São Paulo. CD do III Simpósio Brasileiro de Oceanografia, 2006.

18.
SILVA, M. C. ; Maria das G. A. Korn ; HATJE, V ; BISPO, M. . Avaliação de diferentes procedimentos de extração de elementos traços em sedimentos estuarinos visando a determinação por ICP OES. In: 28 Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2005, Poços de Caldas. Anais da 28 Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2005. v. 1.

19.
BARROS, Francisco Carlos Rocha de ; HATJE, V . Estudo das assembléias bentônicas e da geoquímica na porção estuarina do Rio Subaé. In: II Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2005, Vitória. Anais do II Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2005.

20.
COSTA, Leticia M ; HATJE, V ; FIGUEIREDO, Diomedes Gualberto ; KORN, Maria das Graças ; KORN, Mauro . Procedimentos de digestão pseudo-total assistidos por radiação ultra-sônica para determinação de metais em sedimentos. In: XII Encontro Nacional de Química Analítica, 2005, Niterói, 2005.

21.
COSTA, Letícia M ; HATJE, V ; SANTO, Silvana e ; GRAÇAS, Korn Maria das ; FERREIRA, Sergio Luis Costa . Avaliação de procedimentos de digestão de metais em amostras de invertebrados marinhos. In: XII Encontro Nacional de Química Analítica, 2005, Niterói, 2005.

22.
SILVA, Maribel C ; KORN, Maria das G ; HATJE, V . INVESTIGAÇÃO DO EFEITO DA CENTRIFUGAÇÃO NA EXTRAÇÃO PARCIAL DE METAIS TRAÇOS EM SEDIMENTOS ESTUARINOS UTILIZANDO ÁCIDOS DILUÍDOS. In: XIII Encontro Nacional de Química Analítica, 2005, Niterói, 2005.

23.
HATJE, V; SANTOS, Vera L. C. S. ; FIGUEIREDO, Diomedes Gualberto . Distribution of trace metals in Subaé River System, BA, Brazil. In: 4th International Symposium on Environmental Geochemistry in Tropical Countries, 2004, Buzios. Book of Abstract 4th International Symposium on Environmental Geochemistry in Tropical Countries, 2004. p. 550.

24.
HATJE, V. Estuarine Sediments Laboratory Reference Material: Preparation and Characterization. In: EUROANALYSIS XIII, 2004, Salamanca. Procedings of the 13th EUROANALYSIS, 2004. v. 1.

25.
HATJE, V; Denilson S.S. dos Santos ; Maria das G. A. Korn . Produção e Caracterização de Material de Referência de Laboratório para Sedimento Estuarino. In: 12 Encontro Nacional de Química Analítica, 2003, São Luis, MA. Anais do 12 Encontro Nacional de Química Analítica, 2003.

26.
HATJE, V. Spatial and seasonal pattern distributions of trace metals. In: Interact 2002 - Environmental Chemistry, 2002, Sydney. Proceedings of the Interact 2002, 2002.

27.
HATJE, V; Itakura, T. ; McOrist, G. ; Tim Payne . Radionuclide applications in laboratory studies of environmental surface reactions. In: 7th South Pacific Environmental Radioactivity Conference, 2002, Sydney. Conference Guide & Book of Abstract, 2002.

28.
HATJE, V; HILL, D. ; BIRCH, G. . Spatial and Temporal; variability of particulate trace metals in Port Jackson estuary, Sydney. In: 6th International Model Estuaries Symposium, 2000, Ispra. 6th International Model Estuaries Symposium Conference Abstracts, 2000. p. 3.

29.
HATJE, V; RAE, K. ; BIRCH, G. . Temporal variation of suspended particulate matter and trace metals in freshwater, Sydney, Australia. In: 5th International Symposium on Environmental Geochemistry, 2000, Cape Town. 5th International Symposium on Environmental Geochemistry Conference abstracts, 2000.

30.
HATJE, V; BIDONE, E. D. . A mass-balance analysis of heavy metal in Sinos River-Brazil. In: International Symposium on Environmental Chemistry and Toxicology, 1996, Sydney. Abstract Book of the International Symposium on Environmental Chemistry and Toxicology, 1996.

31.
HATJE, V; Lacerda, L.D. ; Guera, T. ; Castilhos, Z.C. ; Cunha, L.C. . Heavy metals atmospheric inputs from energy generation in Brazil. In: International Conference on Heavy Metals in the Environment, 1995, Hamburg. Proceedings of the International Conference on Heavy Metals in the Environment, 1995. p. 81-83.

32.
HATJE, V; SAHUQUILLO, A. . Efeitos de matriz na determinação de Cr por AAs em extrações sequenciais em sedimentos. In: V Semana Nacional de Oceanografia, 1992, Rio Grande. Anais da V Semana Nacional de Oceanografia, 1992.

33.
HATJE, V; Baisch, P. . Caracteristics gueoquimicas dos sedimentos da lagoa dos Patos, Brasil. In: IV Congresso Latino Americano de Ciencias del Mar, 1991, Coquimbo. Anais do IV Congresso Latino Americano de Ciencias del Mar, 1991. p. 128.

Artigos aceitos para publicação
1.
HATJE, V; LAMBORG, C. H. ; BOYLE, E.A. . Trace metal contaminants: human footprint on the ocean. Elements, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
HATJE, V; ROCHA, G. O. ; LISBOA, N. ; FAHNING, C. ; COTRIM, G. . Distribution of endocrine disruptors in seawater samples from Todos os Santos Bay. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
HATJE, V.; SANTOS, L. ; COSTA, Y. ; LEITE, A. . Quali-quantitative analysis of solid wast occurence in sandy beaches. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
HATJE, V. Baía do Brasil: aspectos químicos. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
HATJE, V; da Rocha, G.O. ; Lisboa, N. ; COTRIM, G. ; ANDRADE, J. B. . Development and application of UFLC-Fluorescence method for endocrine disruptors in estuarine waters. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
HATJE, V.. Metais traço em sistemas costeiros brasileiros: síntese do conhecimento e cenários futuros. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
HATJE, V. O papel da geoquímica na formação de profissionais do meio ambiente. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
HATJE, V. Diálogo entre a ciência e a sociedade: desafios para a comunicação do conhecimento científico. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
HATJE, V. Contamination and human health risk assessment due to consumption of shellfish in Todos os Santos Bay, Brazil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
HATJE, V. Baía de Todos os Santos: passado, presente e perspectivas. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
HATJE, V.; dos Santos, Wagna P.C. ; Mendonca Filho, C.V. ; Kikuchi, R. K. P. . Decontamination procedures for coral samples. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
HATJE, V; Macedo, Samuel M. ; SOUZA, M. C. M. B. N. ; FERREIRA, Sergio Luis Costa . Inorganic As speciation in the sediments of Todos os Santos Bay, BA, Brazil. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
HATJE, V. Transporte de materiais atmosfera-oceano e continente-oceano. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
HATJE, V. Eficiência Química e Sustentabilidade para a Redução de Impactos Ambientais. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
HATJE, V. Como preparar trabalhos científicos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
HATJE, V. Contaminação e fluxos na interface continente-oceano: Baía de Todos os Santos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
HATJE, V. Como preparar seminários científicos. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
HATJE, V. Como Preparar Seminários Científicos. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
HATJE, V. Impactos Antrópicos de Atividades de Produção e Exploração de Petróleo nos Oceanos. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
HATJE, V. Como preparar seminários científicos. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
ANDRADE, J. B. ; HATJE, V ; Ribeiro, N.M. ; Caricchio, C. . Pesca. EDUFBA, 2011 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).

2.
HATJE, V; ANDRADE, J. B. ; Ribeiro, N.M. . Poluição Marinha. Salvador: UFBA, 2011 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).

3.
HATJE, V; Ribeiro, N.M. ; ANDRADE, J. B. . Lixo. Salvador: UFBA, 2011 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).

4.
Santana, C. ; Silva, E. ; BARROS, Francisco Carlos Rocha de ; ANDRADE, J. B. ; Escobar, N ; Ribeiro, N.M. ; HATJE, V . Espécies exóticas e invasoras 2011 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).

5.
Brito, G.G. ; da Rocha, G.O. ; ANDRADE, J. B. ; Lisboa, N. ; Ribeiro, N.M. ; HATJE, V . Contaminantes Emergentes 2011 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).

6.
Ribeiro, N.M. ; ANDRADE, J. B. ; HATJE, V. . Coleção Cartilhas. Salvador - BA: EDUFBA, 2011 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).

7.
Ribeiro, N.M. ; HATJE, V ; ANDRADE, J. B. . Água. Salvador: IFBA-FAPESB, 2010 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).

8.
ANDRADE, J. B. ; Ribeiro, N.M. ; HATJE, V. ; POBLADOR, D. ; ECA, G. F. ; Pinelli, M.S. . Zona Costeira. EDUFBA, 2010 (Série Cartilhas - Projeto Baía de Todos os Santos).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
HATJE, V. Ad Hoc CAPES. 2010.

2.
HATJE, V. Programa Ciencias do Mar - CAPES. 2009.

3.
HATJE, V. Relatório Final do Monitoramento dos Emissários da Cetrel e da Millenium. 2005.

4.
HATJE, V. Monitoramento Ambiental Integrado na Área de Influência dos Emissários da CETREL e da MILLENNIUM: Qualidade da água - Ciclo 2004. 2004.

5.
HATJE, V. RAA do Sistema de Produção e Escoamento de Petróleo e Gás da Bacia de Sergipe/Alagoas: Qualidade de água e sedimento. 2003.

6.
HATJE, V. Monitoramento Ambiental Integrado na Área de Influência dos Emissários da CETREL e da MILLENNIUM: Qualidade da água - Ciclo 2003. 2003.

Trabalhos técnicos
1.
HATJE, V. Revisão de manuscrito Ad Hoc (Marine Pollution Bulletin). 2011.

2.
HATJE, V. Parecer revista (Ad hoc) Soil and Sediment Contamination An International Journal. 2011.

3.
HATJE, V.. Revista ad hoc JBCS. 2011.

4.
HATJE, V. As hoc FAPESP. 2010.

5.
HATJE, V. Revisão de Manuscrito (Ad Hoc) para RGCI. 2010.

6.
HATJE, V. Revisão de Manuscrito (Ad Hoc) para Marine Pollution Bulletin. 2010.

7.
HATJE, V. Ad hoc FAPESP. 2009.

8.
HATJE, V.. SÍNTESE DE INFORMAÇÕES AMBIENTAIS SOBRE OS ECOSSISTEMAS AQUÁTICOS DA BAÍA DE TODOS OS SANTOS (BA), COM ÊNFASE NA ÁREA DA REFINARIA LANDULPHO ALVES ? MATARIPE (RLAM). 2009.

9.
HATJE, V. Parecer Ad hoc para FACEPE. 2008.

10.
HATJE, V. Revisão de manuscrito (Ad hoc) JBCS. 2008.

11.
HATJE, V. Revisor Ad hoc para JBCS. 2008.

12.
HATJE, V. Parecer técnico Seleção PIBIC-UFBA. 2007.

13.
HATJE, V. Parecer técnico Programa PIBIC CEFET-BA. 2007.

14.
HATJE, V. Revisor Ad hoc para Marine Pollution Bulletin. 2007.

15.
HATJE, V. Revisaor ad hoc JBCS. 2007.

16.
HATJE, V. Revisão de Manuscrito ( Ad hoc) Marine Pollution Bulletin. 2006.

17.
HATJE, V. Revisão de manuscrito (Ad hoc) Journal of Brazilian Chemical Society. 2006.

18.
HATJE, V. Revisor Processo de Seleção PIBIC/CEFET-BA 2006. 2006.

19.
HATJE, V. Parecer avaliação de projetos PIBIC-UFBA. 2006.

20.
HATJE, V. Revisão para a revista Journal of the Brazilian Chemical Society. 2005.

21.
HATJE, V. Revisão de manuscrito para a revista Journal of the Brazilian Chemical Society. 2005.

22.
HATJE, V. Revisão de artigo científico (Ad hoc) para a Marine Chemistry. 2004.

23.
HATJE, V. Revisor Ad hoc para o Programa PIBIC 2004/UFBA. 2004.

24.
HATJE, V. Revisão de Manuscrito (Ad hoc) para a revista Water Research. 2003.

25.
HATJE, V. Revisão de manuscrito (Ad hoc) para a revista Journal of Environmental Radioactivity. 2003.


Demais tipos de produção técnica
1.
HATJE, V.. Impactos Antrópicos na Zona Costeira. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
HATJE, V. Oceanografia Química. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
HATJE, V.. Princípios da Oceanografia Química. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
HATJE, V; Scheres, M. . Gerenciamento da Zona Costeira. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
HATJE, V. Oceanografia Quimica. 2003. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
ALBERGARIA-BARBOSA, A. C. R.; LOURENCO, R. A.; Hatje, Vanessa. Participação em banca de Lucas Medeiros Guimarães. Mudanças temporais na qualidade da matéria orgânica depositada no estuário do rio Itapirucu-BA, Brasil. 2018. Dissertação (Mestrado em Geoquímica: Petróleo e Meio Ambiente) - Universidade Federal da Bahia.

2.
KORN, Maria das G; HATJE, V; Nóbrega, Joaquim A.. Participação em banca de Geysa Barreto Brito. Distribuição de Elementos Essenciais e Contaminantes em Fanerógama Haloude wrightii e Macroalgas Marinhas da Baía de Todos os Santos, Bahia, Brasil. 2011. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Química) - Universidade Federal da Bahia.

3.
HATJE, V; de Souza, E.C.P.M.. Participação em banca de Aline Alves Kirschbaum. Citogenotoxicidade e determinação de metais, PHAs e organoclorados em tecidos de Catharops spixii e Centropomus parallelus. 2010. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Química e Geológica) - Universidade de São Paulo.

4.
HATJE, V; Souza, M.F.L. Participação em banca de Gilmara Fernandes Eca. Biogeoquimica de nutrientes e biomassa fitoplanctonica na Plataforma Continental entre Itacare e Canasvieiras. 2009. Dissertação (Mestrado em Sistemas Aquáticos Tropicais) - Universidade Estadual de Santa Cruz.

5.
HATJE, V; Souza, M.F.L; Silva, D.L.. Participação em banca de Danielle Félix Santos. Distribuição do Carbono Inorgânico Total e Estimativa Qualitativa do Balanço Autotrofia/Heterotrofia do Estuário do Rio Cachoeira, Ilhéus. 2007. Dissertação (Mestrado em Sistemas Aquáticos Tropicais) - Universidade Estadual de Santa Cruz.

6.
HATJE, V; Souza, M.F.L; SILVA, E. M.. Participação em banca de Camila Frois Pereira. Avaliacao fisico-quimica de parametros ambientais e determinacao de metais pesados no material particulado suspenso no estuario de Santa luzia, na Baia de aratu, BA. 2007. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia.

7.
HATJE, V. Participação em banca de Maribel Costa Silva. Avaliação de procedimentos para extração de metais traço em sedimento marinho visando determinação por espectrometria atômica. 2006. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia.

8.
HATJE, V; de Souza, J.B.; BARROS, Francisco C. R. de. Participação em banca de Maria Betânia Figueiredo Silva. Avaliação do nível de contaminação nos sedimentos e estrutura das assembleias bentônicas. 2006. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia.

9.
HATJE, V; SANTOS, Vera L. C. S.; KORN, Maria das G; PEREIRA, Pedro Afonso de Paula. Participação em banca de José Luis dos Santos. Avaliação de Parâmetros Geoquímicos na Região Estuarina do Rio Paraguaçu.. 2004. Dissertação (Mestrado em Geologia) - Universidade Federal da Bahia.

10.
HATJE, V; KORN, Maria das G; KORN, Mauro; KRUG, Francisco José. Participação em banca de Denilson S.S. Santana. Produção e caracterização de material de referência de laboratório para sedimentos estuarinos'do aluno Denilson S. Sodré dos Santos. 2004. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia.

11.
HATJE, V; TEIXEIRA, Leonardo G; CRUZ, Manuel J M da; SANTOS, Vera L. C. S.. Participação em banca de Ana Paula Fernandes Caria. Estudo Geoquímico da Coluna d'Água da Região Oceanica da Bahia. 2003. Dissertação (Mestrado em Geologia) - Universidade Federal da Bahia.

Teses de doutorado
1.
HATJE, V; Noernberg, M.A.; Machado, E.C.; Grassi, M.T.. Participação em banca de Marilia Lopes da Rocha. Comportamento geoquímico dos elementos traço na fração dissolvida e particulado no CEP. 2012. Tese (Doutorado em Sistemas costeiros e oceanicos) - Universidade Federal do Paraná.

2.
HATJE, V. Participação em banca de Jacqueline Santos Silva-Cavalcanti. Biologia e Exploração da Anomalocardia brasiliana po Populações de Ribeirinhos no Estuário do Rio Goiana (PE-PB), Nordeste do Brasil. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal de Pernambuco.

Qualificações de Doutorado
1.
ALBERGARIA, A. C. R.; Ferreira, S.L.C; HATJE, V. Participação em banca de Rodrigo M A Pedreira. ANÁLISE DE ELEMENTOS TERRAS RARAS EM AMBIENTES COSTEIROS: O CASO DO GADOLÍNIO ANTRÓPICO. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Química) - Universidade Federal da Bahia.

2.
HATJE, V; SANTOS, Vera L. C. S.; Quintella, C.. Participação em banca de Maria das Neves Morant Braid. Sobre a oceanografia química: uma perspectiva histórica. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Química) - Universidade Federal da Bahia.

3.
HATJE, V; LANDIM, José Maria; BARBOSA, Johildo Sf. Participação em banca de Joseina Moutinho Tavares. Distribuição de metais nos sedimentos da plataforma continental entre Itacaré e Olivença. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Geologia) - Universidade Federal da Bahia.

4.
HATJE, V. Participação em banca de Astério Ribeiro Pessoa Neto. Avaliação crítica dos métodos espectrofotométricos para determinação de nitrato e nitrito em amostras de água natural. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Química) - Universidade Federal da Bahia.

5.
FERREIRA, Sergio Luis Costa; HATJE, V; Fernandes, G.B.. Participação em banca de Anselmo Angelim Gomes de Lima. Revisão de procedimentos para certificação de um material de referencia utilizando como exemplos os trabalhos do IMEP-16 e CCQM-P12. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Química) - Universidade Federal da Bahia.

6.
HATJE, V. Participação em banca de Silvânia Maria Oliveira Mesquita. Distribuição esoaço-temporal de metais pesados no estuário do rio Jacuipe: uma contribuição ao diagnóstico e controle ambientais. 2003. Exame de qualificação (Doutorando em Geologia) - Universidade Federal da Bahia.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
HATJE, V; COSTA, M. F.; MOREIRA, I.. Prof. Adjunto Oceanografia Química. 2018. Universidade Federal da Bahia.

2.
HATJE, V.; Fillman, G.; Flores, M.. Concurso Publico para Professor Adjunto na Area de Oceanografia Quimica. 2009. Universidade Federal de Pernambuco.

Avaliação de cursos
1.
HATJE, V.. Banco de Avaliadores SINAES. 2007. SINAES - INEP -MEC.

Outras participações
1.
HATJE, V.; Da ROCHA, G. O.; PEREIRA, P. A.. Qualificação de Doutorado. 2014. Universidade Federal da Bahia.

2.
HATJE, V; CELINO, J. J.; Garcia, R.K.. Banca de Qualificação. 2012. Universidade Federal da Bahia.

3.
HATJE, V; KORN, Maria das Graças; MATOS, G.. Banca de Qualificação. 2012. Universidade Federal da Bahia.

4.
HATJE, V. Comissão de Seleção 2011 do Programa de Pós-Graduação em Ecologia e Biomonitoramento. 2011. Universidade Federal da Bahia.

5.
BARROS, Francisco C. R. de; HATJE, V; MORENO, R. R. M.. Comissão de Docentes para Avaliação de Progressão Funcional - Professor Adjunto. 2011. Universidade Federal da Bahia.

6.
HATJE, V. Câmara de Assessoramento Área Interdisciplinar - FAPESB. 2011. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia.

7.
HATJE, V. Comitê PIBIC UFBA. 2010. Universidade Federal da Bahia.

8.
HATJE, V. Comitê de Avaliação dos Projetos de doutorado do Programa em Sistemas Costeiros e Oceânicos. 2010. Universidade Federal do Paraná.

9.
HATJE, V. Ad Hoc para CAPES - projetos de cooperação internacional. 2010. Universidade Federal da Bahia.

10.
HATJE, V. Comitê de Avaliação de Qualificação de Mestrado. 2010. Universidade Federal do Paraná.

11.
HATJE, V. Avaliador Ad hoc FAPESP. 2009. Universidade Federal da Bahia.

12.
HATJE, V; SILVA, E. M.; El Chabit. Comissao da selecao 2009 do Programa de Pos-graduacao em Ecologia e Biomonitoramento. 2009. Universidade Federal da Bahia.

13.
HATJE, V. Avaliação presencial das propostas apresentadas ao Edital Ciencias do Mar. 2009. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

14.
HATJE, V. Comite de Avaliação do X Seminário de Pesquisa e Pós-Graduação e XXVIII Seminário Estudantil de Pesquisa. 2009.

15.
HATJE, V. Ad hoc - Programa de Ciências do Mar - CAPES. 2009. Universidade Federal da Bahia.

16.
HATJE, V.. Comite PIBIC - UFBA. 2008. Universidade Federal da Bahia.

17.
HATJE, V; Ribeiro, N.M.. Comissao PIBIC CNPq-CEFET-BA. 2008. Centro Federal de Educacao Tecnologica da bahia.

18.
HATJE, V. Comissao de avaliacao do IX Seminario de Pesquisa e Pos-graduacao e XXVII Seminario Estudantil de Pesquisa. 2008.

19.
HATJE, V.. Comitê Local PIBIC-UFBA. 2007. Universidade Federal da Bahia.

20.
HATJE, V.. Comite PIBIC/CEFET-BA. 2007. Instituto Federal da Bahia.

21.
HATJE, V.. Ad hoc - FACEPE. 2007. Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco.

22.
HATJE, V.. Comitê de Avaliação do VIII SEMPG e XXVI Seminário Estudantil de Pesquisa. 2007. Universidade Federal da Bahia.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Environmental Health 2011: Resetting our Priorities. Inorganic contamination and human health risk assessment due to consumption of shellfish inTodos os Santos Bay, Bahia, Brazil. 2011. (Congresso).

2.
III Congresso Brasileiro de Biologia Marinha. Metais traço em sistemas costeiros brasileiros: síntese do conhecimento e cenários futuros. 2011. (Congresso).

3.
62 Reunião Anual da SBPC. Baía de Todos os Santos: passado, presente e perspectivas futuras. 2010. (Congresso).

4.
6th Int. Conf. on Marine Pollution and Ecotoxicology. Inorganic As speciation in estuarine sediments of Todos os Santos Bay. 2010. (Congresso).

5.
Reunião Regional da SBPC no Recôncavo da Bahia. Baía de Todos Santos: novos rumos. 2010. (Congresso).

6.
SETAC Asia/Pacifica 2010. Decontamination procedures for coral samples. 2010. (Congresso).

7.
V Escola de Verão em Energia e Ambiente.Impactos Antrópicos na Zona Costeira. 2010. (Outra).

8.
VI Workshop Baía de Todos os Santos. 2010. (Outra).

9.
Workshop Regional Norte/Nordeste: O Brasil e o Mar no Século XXI. 2010. (Outra).

10.
XXIX Seminário Estudantil de Pesquisa.Invertebrados Marinhos como Indicadores de Biodisponibilidade de Metais em Sedimentos. 2010. (Seminário).

11.
XIII COLACMAR. Avaliação preliminar de risco toxicológico à saúde humana devido a ingestão de mariscos contaminados. 2009. (Congresso).

12.
XXVII Seminário Estudantil de Pesquisa.Avaliação de teores de elementos maiores e menores em invertebrados marinhos. 2008. (Seminário).

13.
XII Colacmar. Geoquimica dos principais tributarios da Baia de Todos os Santos, BA, Brazil. 2007. (Congresso).

14.
I Encontro Nacional de Oceanografia Química. 2006. (Encontro).

15.
Siminários de Pesquisa em Geociências.Coordenadora da Sessão - Comite avaliador. 2006. (Seminário).

16.
X Encontro nacional sobre Contaminantes Inorgânicos.Avaliação preliminar dos teores de metais traço em invertebrados marinhos comestíveis do recôncavo baiano. 2006. (Encontro).

17.
XXV Seminario Estudantil de Pesquisa.Hidrogeoquimica do estuario do Rio Paraguacu, BA. 2006. (Seminário).

18.
Gordon Research Conference- Chemical Oceanography. Gordom Research Conference. 2001. (Congresso).

19.
II Simpósio de Oceanografia.II Simpósio sobre Oceanografia. 1991. (Simpósio).

20.
III Conferencia Estadual do Meio Ambiente. 1990. (Congresso).

21.
I Simpósio sobre oceanografia.I Simpósio sobre Oceanografia. 1989. (Simpósio).

22.
XIII International Geochemical Symposium. 1989. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
HATJE, V; POLEJACK, A. . All Atlantic Research Forum. 2018. (Outro).

2.
TORRESI, R. M. ; BELANGER, D. ; HATJE, V . Symposium EE2 - Water , Energy and Environment - 46th IUPAC World Chemistry Congress. 2017. (Congresso).

3.
HATJE, V. DMC & SSC GEOTRACES Meeting. 2017. (Outro).

4.
HATJE, V. Congresso Brasileiro de Oceanografia - Simpósio Baía de Todos os Santos. 2017. (Congresso).

5.
HATJE, V. BOOST - Building Opportunity out of Science and Technology - ACS. 2016. (Outro).

6.
HATJE, V. Coordenação do Simpósio GEOTRACES. 2016. (Congresso).

7.
HATJE, V.. I GEOTRACES BRASIL. 2015. (Outro).

8.
HATJE, V.; BURNET, W. C. . Workshop Applications of Radioisotopes in Coastal and Environmental Sciences. 2015. (Outro).

9.
Ribeiro, N.M. ; DANTAS, L. M. V. ; ANDRADE, J. B. ; HATJE, V. . IV Semana Kirimurê. 2014. (Congresso).

10.
HATJE, V; Ribeiro, N.M. ; ANDRADE, J. B. ; VINHAES, L. . I Semana Kirimurê. 2011. (Congresso).

11.
HATJE, V; VINHAES, L. ; Macedo, C.F. . VI Workshop Baía de Todos os Santos. 2010. (Outro).

12.
HATJE, V. 15 Encontro Nacional de Quimica Analítica. 2009. (Congresso).

13.
HATJE, V. Coordenação dos trabalhos apresentados na área ciências exatas e da terra do VIII SEMPPG. 2007. (Outro).

14.
HATJE, V; S., M.I.W. . Curso de Extensão em Gerenciamento Costeiro. 2007. (Outro).

15.
HATJE, V. Workshop: Controle de qualidade na geração de dados oceanográficos. 2005. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Tácila de Freitas. Elementos terras raras em sedimentos estuarinos. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. (Orientador).

2.
Antonio D'orea. Estoques de C em manguezais. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

Tese de doutorado
1.
Vinicius Patire. Avaliação do efeito de atividades antrópicas nos estoques de C de manguezais e gramas submersas. Início: 2018. Tese (Doutorado em Energia e Ambiente) - Universidade Federal da Bahia. (Orientador).

2.
Raiza L Borges Andrade. Fontes e sumidos de REE nas águas do Oceano Atlântico Tropical. Início: 2017. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Química) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

3.
Rodrigo Aguiar Pedreira. Aporte e distribuição de Gd antrópico em águas marinhas. Início: 2017. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Química) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

4.
Daniele Miranda. Ocorrência da sulfluramida e seus produtos de degradação na Baía de Todos os Santos. Início: 2017. Tese (Doutorado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. (Orientador).

5.
Taiana Guimarães Araújo. Biomagnificação de elementos traços ao longo da cadeia trafica do estuário do Rio Subaé. Início: 2014. Tese (Doutorado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. (Orientador).

6.
Aline gonzalez egres. Impacto de HPAS na macrofauna e meiofauna. Início: 2012. Tese (Doutorado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. (Coorientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
Alessandro Lopes Aguiar. Início: 2018. Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

Iniciação científica
1.
Maurício Santos Andrade. EStoques de C em ambientes costeiros vegetados. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. (Orientador).

2.
Josepha Manuela Leão. Isótopos de C e N em ambientes costeiros vegetados da Baía de Todos os Santos. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia. (Orientador).

3.
Ana Carolina Sala Souza Santos. Aporte de efluentes pore emissários submarinos. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em oceanografia) - Universidade Federal da Bahia. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Rodrigo A. Pedereira. AVALIAÇÃO DO USO DA BAÍA DE CAMAMU, BAHIA, COMO ÁREA DE REFERÊNCIA PARA AMBIENTES TROPICAIS. 2016. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, . Orientador: Vanessa Hatje.

2.
Cloves G. P. dos Santos Júnior. AVALIAÇÃO TEMPORAL DOS PARÂMETROS FÍSICO-QUÍMICOS DA ÁGUA E DA CONCENTRAÇÃO DE METAIS EM MATERIAL PARTICULADO DO RIO GRANDE, BARREIRAS, BAHIA. 2014. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, . Orientador: Vanessa Hatje.

3.
Manuel Cezar Macedo Barbosa Nogueira de Souza. Impacto na qualidade de água e sedimentos de ambientes receptores de efluentes de carciniculturas na Baía de Todos os Santos, Bahia, Brasil. 2013. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Vanessa Hatje.

4.
Marcos Krull Pinheiro Lima. Integrated assessment of metal contamination in sediments from two estuaries of Todos os Santos Bay, Brazil. 2013. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Vanessa Hatje.

5.
Normando da Silva Lisboa Filho. DESENVOLVIMENTO E VALIDAÇÃO DE MÉTODO ANALÍTICO PARA DETERMINAÇÃO DE INTERFERENTES ENDÓCRINOS: APLICAÇÃO EM AMOSTRAS DE ÁGUA DA BAÍA DE TODOS OS SANTOS, BA. 2012. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

6.
Darlan da Silva Santil. Determinação de elementos traços e maiores em invertebrados marinhos da Baía de Todos os Santos. 2010. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Vanessa Hatje.

7.
Cloves Genário Pereira dos Santos Júnior. Determinação da qualidade das águas e sedimentos do rio Grande, BA. 2009. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, . Orientador: Vanessa Hatje.

8.
Maribel Costa Silva. Avaliação de Procedimentos para Extração de Metais Traço em Sedimento Marinho Visando a Determinação por Espectrometria Atômica. 2006. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Coorientador: Vanessa Hatje.

9.
Maria Betania Figueiredo. Avaliação do nível de contaminação nos sedimentos e estrutura das assembléias bentônicas da porção estuarina do Rio Paraguaçu, Bahia, Br. 2006. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Coorientador: Vanessa Hatje.

10.
Denilson Sodre S. dos Santos. Produção e caracterização de materiais de referência de laboratório para sedimentos estuarinos. 2004. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Vanessa Hatje.

Tese de doutorado
1.
Cristiane S Fahning. INTERFEENTES ENDÓCRINOS EM ORGANISMOS DA BTS: DETERMINAÇÃO POR UFLC-DAD-FLD APÓS EXTRAÇÃO ASSISTIDA POR MICRO-ONDAS. 2016. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Química) - Universidade Federal da Bahia, . Coorientador: Vanessa Hatje.

2.
Gabriel Cotrim. Interferentes endócrinos em ambientes estuários. 2015. Tese (Doutorado em Energia e Ambiente) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

3.
Luisa Riberiro. Impacto da carcinocultura na biogeoquímica e estrutura de comunidades bentônicas na Baía de Todos os Santos, Bahia. 2015. Tese (Doutorado em Ecologia e Biomonitoramento) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

4.
Gilmara Fernandes Eça. Organismos bentônicos biomonitores de contaminação por elementos traço e/ou maiores na Baía de Todos os Santos (BTS), Bahia. 2013. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Química) - Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Vanessa Hatje.

5.
Carlos Roberto Santos Silva. Estudo e avaliação de teor de carbono e de metais biodisponíveis em sedimentos da Baía de Todos os Santos e de Abrolhos. 2007. Tese (Doutorado em Química) - Universidade Federal da Bahia, . Coorientador: Vanessa Hatje.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Gabriel Cotrim de Souza. 2016. Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Vanessa Hatje.

2.
Gilmara Fernandes Eça. 2014. Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Vanessa Hatje.

3.
Valéria B Riatto - ProDoc CAPES. 2006. Universidade Federal da Bahia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Vanessa Hatje.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Karen rae. Trace metal loads and geochemical characteristics in three freshwater tributaries of Port Jackson. 1999. Monografia - The University of Sydney. Orientador: Vanessa Hatje.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Fernanda Nereu. Avaliação por metais traço nos estuários da costa leste do Brasil. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

2.
RAÍZA LOPES BORGES ANDRADE. CRONOLOGIA DOS IMPACTOS ANTROPOGÊNICOS RECONSTRUÍDA A PARTIR DE REGISTROS SEDIMENTARES DATADOS DE METAIS TRAÇO E ISÓTOPOS DE Pb EM UMA BAÍA TROPICAL. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

3.
EDVALDO OLIVEIRA RIBEIRO SANTOS. TEORES DE ELEMENTOS TRAÇO EM SISTEMAS COSTEIROS DO ESPÍRITO SANTO E PERNAMBUCO, BRASIL. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

4.
Adriele Santos Leite. Contaminação de invertebrados marinhos por hidrocarbonetos do petróleo. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

5.
MANUEL CEZAR MACEDO BARBOSA NOGUEIRA DE SOUZA. Avaliação do risco toxicológico associado a ingestão de invertebrados marinhos. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

6.
CamillaCaricchio Espinheira. Baía de Camamu: uma área de referencia?. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

7.
Gabriel Cotrim. Avaliação da biodisponibilidade de metais em sedimentos estuarinos. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

8.
Carlos Valério Silveira Mendonça Filho. Esclerocronologia e metais traços em amostras de corais, Baía de Todos os Santos, BA. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

Iniciação científica
1.
Ana Carolina Sala. Biogeoquímica de elementos traço. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

2.
Josepha Manuela Leão. Avaliação de matéria orgânica nos ecossistemas da Baía de Todos os Santos. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

3.
leonardo sobrinho chemmes. Caracterização da matéria orgânica dos estuários da Baía de Todos os Santos. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

4.
Rodrigo A. Pedereira. Interruptores endócrinos em ambientes marinhos. 2013. Iniciação Científica - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

5.
Adriane Rangel. Contaminação dos tributários da baía de Todos os Santos. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

6.
Adriane Rangel. Influencia de uma refinaria na qualidade do ecossistema bentonico adjacente. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

7.
Adriele Santos Leite. AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE SÃO FRANCISCO DO CONDE: RISCO A SAÚDE HUMANA DEVIDO A INGESTÃO DE MARISCOS CONTAMINADOS. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

8.
Rodrigo Aguiar. Poliquetas como organismos bioindicadores da Baía de Todos os Santos. 2012. Iniciação Científica - Universidade Federal da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

9.
Luana Maia. Qualidade ambiental da Baía de Camamu. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Universidade Federal da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

10.
Adriele Leite. AVALIAÇÃO AMBIENTAL DE SÃO FRANCISCO DO CONDE: RISCO A SAÚDE HUMANA DEVIDO A INGESTÃO DE MARISCOS CONTAMINADOS. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

11.
Luana Maia. Avaliação da qualidade ambiental da Baía de Camamu, Bahia. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

12.
Rodrigo Aguiar. Poliquetas como organismos bioindicadores da Baía de Todos os Santos. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Química) - Universidade Federal da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

13.
Adriane Rangel. Influencia de uma refinaria na qualidade do ecossistema bentonico adjacente. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

14.
Camilla Caricchio. Contaminantes inorganicos na Baía de Camamu. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

15.
Matheus de Oliveira Lima. Levantamento de Imagens para o Portal Instituto Kirimure. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

16.
Marceu Tainá Silva Lima. Portal Instituto Kirimurê. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

17.
Gabriel Cotrim. Biodisponibilidade de metais em sedimentos estuarinos. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

18.
Manuel Cezar Macedo Barbosa Nogueira de Souza. Elementos maiores e menores em invertebrados marinhos. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

19.
Davi Mignac. Levantamento de dados e imagens para o Portal Instituto Kirimure. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

20.
Maria Clara de Luna Freire Trindade. Avaliação crítica dos estudos sobre metais pesados na Baía de Todos os Santos. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, PETROBRAS. Orientador: Vanessa Hatje.

21.
Gabriel Cotrim. Biodisponibilidade de contaminantes em sedimentos estuarinos. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Vanessa Hatje.

22.
Manuel Cezar Macedo de Souza. Teores de metais traços em bivalves da Baía de Todos os Santos. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

23.
Leonardo Nascimento Lima. Contaminação de invertebrados marinhos do reconcavo bahiano. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

24.
Diomedes Gualberto Figueiredo. Contaminação do estuário do rio Paraguaçu. 2005. Iniciação Científica. (Graduando em Química) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

25.
Diomedes Gualberto Figueiredo. Geoquímica dos sedimentos do Rio Subaé. 2004. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Química) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Vanessa Hatje.

Orientações de outra natureza
1.
Felipe Moraes. Portal Instituto Kirimurê. 2010. Orientação de outra natureza. (Oceanografia) - Universidade Federal da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Vanessa Hatje.



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos aceitos para publicação
1.
HATJE, V; LAMBORG, C. H. ; BOYLE, E.A. . Trace metal contaminants: human footprint on the ocean. Elements, 2018.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/10/2018 às 15:13:17