Thais Moron Machado

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0545120874674362
  • Última atualização do currículo em 20/08/2018


Possui graduação em Zootecnia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1991); especialização em Tecnologia de Processamento de Produtos Pesqueiros pelo Instituto Tecnologico Pesquero del Peru - JICA (Agencia de Cooperacion Internacional Del Japon), especialização em Temas Pesqueiros pela Escuela Nacional de Pesca Comandante Luis Piedra Buena - Mar del Plata - Argentina - JICA (Agencia de Cooperacion Internacional Del Japon), e título de Mestre em Aquicultura e Pesca pelo Instituto de Pesca - SP. Atuação: - Assistente Técnico de Direção - Instituto de Pesca/APTA - SAA, - Diretora substa. do NIT - Núcleo de Inovação Tecnológica - Instituto de Pesca, - Pesquisador Científico no Instituto de Pesca, área de Tecnologia de Processamento de Pescado, na Unidade Laboratorial de Referência em Tecnologia do Pescado do Centro Avançado de Pesquisa Tecnológica do Agronegócio do Pescado Marinho - APTA - SAA - Santos/SP, - Diretora do Museu de Pesca - Instituto de Pesca/APTA - SAA - Santos, - Diretora do Aquário - Instituto de Pesca/APTA - SAA - Parque da Água Branca - SP. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Thais Moron Machado
Nome em citações bibliográficas
MACHADO, T. M.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto de Pesca, Diretoria Geral.
Parque Fernando Costa
Água Branca
05001900 - São Paulo, SP - Brasil
Telefone: (011) 38717530
URL da Homepage: www.pesca.sp.gov.br


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2013
Mestrado em Aquicultura e Pesca.
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
Título: TECNOLOGIA E VIABILIDADE ECONÔMICA DO SUCEDÂNEO DE CAVIAR DAS OVAS DE TRUTA ARCO-ÍRIS (Oncorhynchus mykiss),Ano de Obtenção: 2013.
Orientador: Marcelo Barbosa Henriques.
Coorientador: Neuza Sumico Takahashi.
Palavras-chave: inovação tecnológica; valor agregado; viabilidade econômica.
Grande área: Ciências Agrárias
Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia.
Setores de atividade: Agricultura, Pecuária, Produção Florestal, Pesca e Aqüicultura.
1999 - 1999
Especialização em Temas Pesqueros. (Carga Horária: 160h).
Escuela Nacional de Pesca Comandante Luis Piedra Buena, ENPCLPB, Argentina.
Título: Capacitación de pescadores artesanales.
Bolsista do(a): Agencia de Cooperacion Internacional Del Japon, JICA, Japão.
1998 - 1998
Especialização em Tecnologia de Procesamiento de productos pesqueros. (Carga Horária: 400h).
Instituto Tecnologico Pesquero del Peru, ITP, Peru.
Título: ?Ahumación líquida de la trucha arco-íris (O. mykiss): efectos del procesamiento y del almacenamiento en las propiedades físicas, químicas y sensoriales?.
Orientador: Ing. Rafael Castro.
Bolsista do(a): Agencia de Cooperacion Internacional Del Japon, JICA, Japão.
1986 - 1991
Graduação em Zootecnia.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
I Encontro de Zootecnistas do Estado de São Paulo. (Carga horária: 4h).
Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo, CRMV, Brasil.
2017 - 2017
Capacitação Gestores dos NITs SAA - Módulo 1. (Carga horária: 24h).
Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa Agropecuária, FUNDEPAG, Brasil.
2017 - 2017
Capacitação Gestores dos NITs SAA - Módulo II. (Carga horária: 24h).
Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa Agropecuária, FUNDEPAG, Brasil.
2017 - 2017
Capacitação Gestores dos NITs SAA - Módulo III. (Carga horária: 16h).
Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa Agropecuária, FUNDEPAG, Brasil.
2017 - 2017
Capacitação Gestores dos NITs SAA - Módulo IV. (Carga horária: 4h).
Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa Agropecuária, FUNDEPAG, Brasil.
2017 - 2017
XII Reunião Científica do Instituto de Pesca. (Carga horária: 24h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2017 - 2017
Workshop de Piscicultura do Pontal de Paranapanema. (Carga horária: 8h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2016 - 2017
Programa de Desenvolvimento em Gestão - PDG. (Carga horária: 32h).
Fundação Dom Cabral, FDC, Brasil.
2015 - 2015
IV Workshop: Inclusão do Pescado na Alimentação Escolar (AE). (Carga horária: 8h).
Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, APTA, Brasil.
2015 - 2015
Workshop de reformulação e atualização do Guia de consumo responsável de pe. (Carga horária: 18h).
Centro Universitário São Judas Tadeu - Campus UNIMONTE, CSJT, Brasil.
2015 - 2015
Japan & Asian Food Show ? Feira e workshop de Restaurantes & Culinária Asiá. (Carga horária: 16h).
Francal, FRANCAL, Brasil.
2015 - 2015
?A política nacional de resíduos sólidos: definições e implicações para a V. (Carga horária: 6h).
Agência Nacional de Vigilância Sanitária, ANVISA-RJ, Inglaterra.
2014 - 2014
Potencialidades das tecnologias moleculares para o desenvolvimento da pesqu. (Carga horária: 4h).
Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, APTA, Brasil.
2014 - 2014
Gestão de Projetos. (Carga horária: 52h).
Faculdade FIA de Administração e Negócios, FIA, Brasil.
2014 - 2014
WORKSHOP ?Sustentabilidade, Pesca e Aquicultura: Perspectivas e Oportunidad. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
2013 - 2013
Curso de atualização em Inspeção e Tecnologia de P. (Carga horária: 40h).
Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espirito Santo, IDAF, Brasil.
2013 - 2013
Curso teórico-prático sobre truticultura. (Carga horária: 16h).
Agência Paulista de Tecnologia do Agronegócio, APTA, Brasil.
2013 - 2013
Encontro sobre Tecnologia e Controle de Qualidade. (Carga horária: 8h).
Agência Paulista de Tecnologia do Agronegócio, APTA, Brasil.
2013 - 2013
WORKSHOP ?Sustentabilidade, Pesca e Aquicultura: P. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
2010 - 2010
Processamento de pescado. (Carga horária: 21h).
Instituto de Tecnologia de Alimentos, ITAL, Brasil.
2009 - 2009
?Abordagem de Gestão por Processos?. (Carga horária: 3h).
Instituto Biológico, IB, Brasil.
2009 - 2009
I WORKSHOP - Formação da Rede Qualipescado. (Carga horária: 4h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2009 - 2009
IX Reunião Científica do Instituto de Pesca ? 40 a. (Carga horária: 32h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2009 - 2009
I Fórum de Segurança Alimentar x Transgênia. (Carga horária: 6h).
Prefeitura Municipal de São Vicente, PMSV, Brasil.
2009 - 2009
I Seminário de Extensão Rural e Pesqueira do Litor. (Carga horária: 16h).
Prefeitura Municipal de Mongaguá, PMM, Brasil.
2009 - 2009
XVI Congresso Brasileiro de Engenharia de Pesca ?. (Carga horária: 30h).
Associação de engenheiros de Pesca, AEP, Brasil.
2008 - 2008
?3º Seminário de Iniciação Científica do Instituto. (Carga horária: 8h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2008 - 2008
?Simpósio de Metrologia para a Gestão da Qualidade. (Carga horária: 16h).
Rede Metrológica do Estado de São Paulo, REMESP, Brasil.
2008 - 2008
?Encontro Paulista de Sanidade em Aqüicultura, con. (Carga horária: 16h).
Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo, CRMV, Brasil.
2008 - 2008
Reações de transformação e vida-de-prateleira de a. (Carga horária: 16h).
Instituto de Tecnologia de Alimentos, ITAL, Brasil.
2008 - 2008
III Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Ali. (Carga horária: 14h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2008 - 2008
Mini-curso: Análise Sensorial e físico-química em. (Carga horária: 6h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2008 - 2008
3º Seminário dos Programas Estratégicos da APTA ?. (Carga horária: 8h).
Agência Paulista de Tecnologia do Agronegócio, APTA, Brasil.
2008 - 2008
?Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspec. (Carga horária: 50h).
INFOPESCA, INFOPESCA, Equador.
2007 - 2007
?IV Workshop: Qualidade do Pescado?. (Carga horária: 4h).
Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, APTA, Brasil.
2007 - 2007
2º Seminário Saúde e Meio-Ambiente na Baixada Sant. (Carga horária: 8h).
Vigilância Sanitária, VS, Brasil.
2007 - 2007
Aplicação de Ferramentas de APPCC, PPHO e BPF. (Carga horária: 8h).
Instituto de Tecnologia de Alimentos, ITAL, Brasil.
2007 - 2007
Curso teórico-prático em análise sensorial de filé. (Carga horária: 4h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2007 - 2007
Introdução ao Gerenciamento de Projetos. (Carga horária: 16h).
Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa Agropecuária, FUNDEPAG, Brasil.
2007 - 2007
Workshop sobre perspectivas do segmento produtivo. (Carga horária: 6h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
2003 - 2003
Treinamento de Instrutores na Metodologia de Forma. (Carga horária: 32h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural - SP, SENAR - SP, Brasil.
2000 - 2000
1o Curso de Inspetor de Boas Práticas Higiênico-S. (Carga horária: 24h).
Centro de Estudos Técnicos em Alimentos, CETA, Brasil.
2000 - 2000
Aprimoramento APPCC: Boas Práticas de Fabricação. (Carga horária: 8h).
Escola SENAI ?Prof. Dr. E. Jesus Zerbini ? Centro Nacional de Tecnologia -, SENAI, Brasil.
2000 - 2000
Aprimoramento APPCC: controle integrado de pragas. (Carga horária: 8h).
Escola SENAI ?Prof. Dr. E. Jesus Zerbini ? Centro Nacional de Tecnologia -, SENAI, Brasil.
2000 - 2000
Aprimoramento em APPCC: Limpeza e sanificação. (Carga horária: 8h).
Escola SENAI ?Prof. Dr. E. Jesus Zerbini ? Centro Nacional de Tecnologia -, SENAI, Brasil.
1999 - 1999
Formação de consultores em Planos de APPCC (Anális. (Carga horária: 80h).
SENAI ? Centro Técnico de Produtos Alimentares - Campinas, SENAI, Brasil.
1999 - 1999
XIII Encontro de Salmonicultores em Campos do Jord. (Carga horária: 8h).
Associação Brasileira de Truticultores, ABRAT, Brasil.
1999 - 1999
9o Seminário Internacional sobre Temas Pesqueros. (Carga horária: 90h).
Escuela Nacional de Pesca ?Comandante Luis Piedra Buena?- Argentina, ENP, Argentina.
1998 - 1998
XIV Curso Internacional de Tecnologia de Procesami. (Carga horária: 400h).
Instituto Tecnológico Pesquero del Perú, ITPP, Peru.
1997 - 1997
1o Seminário Internacional de Truticultura de Pene. (Carga horária: 24h).
Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro, FIPERJ, Brasil.
1997 - 1997
Seminário de Atualização em ingredientes Alimentíc. (Carga horária: 4h).
Sociedade Brasileira de Ciência e Tecnologia de Alimentos, SBCTA, Brasil.
1994 - 1996
estágio. (Carga horária: 3000h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
1995 - 1995
4a Reunião do Instituto de Pesca. (Carga horária: 40h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
1995 - 1995
IX Encontro de Salmonicultores em Campos do Jordão. (Carga horária: 16h).
Associação Brasileira de Truticultores, ABRAT, Brasil.
1994 - 1994
Tópicos de Ictiologia em Rios. (Carga horária: 10h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
1994 - 1994
Ecologia de peixes e a sua importância na avaliaçã. (Carga horária: 10h).
Instituto de Pesca, IP, Brasil.
1994 - 1994
Tecnologia de salga e defumação. (Carga horária: 24h).
Instituto de Tecnologia de Alimentos, ITAL, Brasil.
1994 - 1994
Piscicultura Intensiva. (Carga horária: 6h).
Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP, ESALQ, Brasil.
1994 - 1994
Tecnologia de salga e defumação. (Carga horária: 24h).
Instituto de Tecnologia de Alimentos, ITAL, Brasil.
1994 - 1994
VIII Simpósio Brasileiro de Aqüicultura/III Encont. (Carga horária: 32h).
Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP, ESALQ, Brasil.
1993 - 1993
Curtimento de Pele de Peixe. (Carga horária: 40h).
Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, IPT, Brasil.


Atuação Profissional



Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, APTA, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


CNPq, CNPQ, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2013
Vínculo: Coordenadora Projeto, Enquadramento Funcional: PqC, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
O caviar é confeccionado a partir de ovas do peixe esturjão, sendo o da espécie Beluga (Huso huso) o mais valorizado. Em função de sua sobrepesca, o esturjão corre o risco de extinção, resultando na diminuição de oferta de caviar e elevação de preço. Pesquisas com várias espécies de peixes, entre elas os salmonídeos, têm sido realizadas buscando-se substitutos do caviar. A truta arco-íris, Oncorhynchus mykiss, pertence à família Salmonidae, e seu cultivo no Brasil envolve cerca de 120 criadores, distribuídos nos estados de São Paulo, Santa Catarina, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Paraná e Espírito Santo, totalizando uma produção aproximada de 2.500 toneladas/ano, que corresponde a menos de 10% do volume de salmonídeos consumidos no Brasil. O crescimento econômico nesta atividade depende da utilização de tecnologias que proporcionem aumento da produtividade e diversificação de produtos de valor adicionado. Um procedimento para agregação de valor é a salmonização da truta, através da administração da astaxantina veiculada na ração. A salmonização é recomendada para a produção de trutas de grande porte, o que resulta também na salmonização das ovas que não são utilizadas para a reprodução e acabam sendo descartadas. Este estudo tem por objetivo aproveitar as ovas da truta arco-íris salmonada, que atualmente são consideradas um subproduto e desenvolver tecnologia para produção de um produto tipo caviar, de alto valor agregado, denominado ?sucedâneo de caviar de truta salmonada?.

Vínculo institucional

2009 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: PqC, Carga horária: 40
Outras informações
O projeto ?Rede de suporte no controle da qualidade do pescado - REDE QUALIPESCADO (Edital CNPq/MAPA/SDA Nº. 064/2008), conta com a atuação de pesquisadores do IP, A.Lutz, ESALQ e IB, e tem por objetivo a revalidação de métodos analíticos para garantia da qualidade do pescado (N-BVT, TBARs, pH e driping-test).


Sindicato das Indústrias de Pesca de Itajaí, SINDIPI, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: PqC, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Os resultados obtidos com a análise sensorial, onde são avaliados os atributos sabor, odor, aspecto e textura, permitem estabelecer correlações importantes com os resultados das análises físico-químicas (TBAr´s, N-BVT e pH), embasando conclusões finais de estudos. Sou a responsável pela coordenação e condução da análise-sensorial do projeto ?Estudo de vida-de-prateleira de produtos congelados? .


SEBRAE ER SANTOS, SEBRAE SANTOS, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Coordenador de Projeto, Enquadramento Funcional: PqC, Carga horária: 40
Outras informações
Os Projetos: "Diagnóstico do perfil dos profissionais da pesca artesanal dos municípios de São Vicente e Itanhaém", estudos por mim coordenados, indicaram falhas na utilização de medidas higiênico-sanitárias, da captura à comercialização, que podem comprometer a qualidade do pescado e a segurança de consumo. É premente a necessidade de implantação de programas de políticas públicas que norteiem esse segmento de forma a garantir a qualidade do pescado ofertado ao consumidor.


Secretaria de Aquicultura e Pesca, SEAP, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: PqC, Carga horária: 40
Outras informações
Elaboração e aplicação de cursos de capacitação à pescadores artesanais e manipuladores de pescado, nas áreas de Qualidade e Tecnologia de Processamento de Pescado.


Instituto de Pesca, IP, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Pesquisador Científico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Atuação na área de Tecnologia de Processamento de Pescado, na Unidade Laboratorial de Referência em Tecnologia do Pescado, do Centro Avançado de Pesquisa Tecnológica do Agronegócio do Pescado Marinho - APTA - Santos/SP.

Atividades

03/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Divisao de Pesca Maritima, .

Linhas de pesquisa
Qualidade do Pescado
03/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Divisao de Pesca Maritima, .

03/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Divisao de Pesca Maritima, .

Linhas de pesquisa
Microbiologia
03/1993 - 06/1996
Pesquisa e desenvolvimento , Divisao de Pesca do Interior, .

Linhas de pesquisa
Salmonicultura

Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: PqC, Carga horária: 40
Outras informações
Colaboradora nos projetos desenvolvidos na ULRTP: - Desenvolvimento de produtos à base de pescado desidratado: processamento, valor nutricional e aceitabilidade; - Qualidade do polvo (O. vulgaris) na Cadeia-Produtiva da Baixada Santista: aspectos microbiológicos e químicos.


Fundo Estadual de Recursos Hidricos - Banco do Estado de São Paulo S.A., FEHIDRO-BANESPA, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2009
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: PqC, Carga horária: 40
Outras informações
Colaboradora no projeto de pesquisa em andamento na ULRTP: - Diagnóstico das condições ecológico-sanitárias do Rio Itanhaém


Museu de Pesca, MP, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Diretora, Carga horária: 16
Outras informações
O Museu de Pesca localiza-se em Santos ? SP, pertence ao Instituto de Pesca ? APTA/SAA e é considerado uma das atrações turísticas mais famosas da Baixada Santista, recebendo cerca de 50 mil visitantes por ano. Foi inaugurado em 1950, e já passou por várias obras de restauração arquitetônica. O público alvo do Museu de Pesca compreende crianças, jovens e adultos, e proporciona diversão e conhecimento para toda a família. O Museu desenvolve atividades educativas não formais, com o intuito de estimular a sustentabilidade pela correta utilização dos recursos naturais. Uma das principais atrações do espaço é ossada da baleia Fin Balaenoptera physalus, com 23 metros de comprimento, 193 ossos e pesando sete toneladas. O Museu de Pesca conta ainda com a Sala dos Tubarões, com diversas espécies taxidermizadas; sala ?Submergir?, um espaço interativo, com exposição do projeto ?Petrechos de Pesca perdidos no mar?; ala lúdica, sob a forma de um Diorama (cenário) representando os quatro ecossistemas marinhos do litoral paulista (manguezal, praia arenosa, costão rochoso e fundo do mar); Sala do Barco; acervo constituído de peças biológicas taxidermizadas (empalhadas); esqueletos de animais aquáticos; sala das areias, conchas de moluscos coletados em vários pontos do Brasil e do mundo; Raia Manta de 4,40 m; Lula Gigante com 5 metros de comprimento e pesando 91 quilos, única em exposição no mundo; Macaé e Macaézinho, respectivamente um leão e um lobo marinho que viveram no Aquário de Santos, e o Quarto do Capitão, espaço lúdico que simula o quarto de um barco e que faz a alegria das crianças! Tardes musicais com Orquestras e Cameratas de Cordas, assim como apresentações de teatro e dança também são oferecidos ao público que, enlevado, assistem às apresentações que ocorrem na Sala dos Tubarões, embaixo da bela ossada da Baleia, visível pelo teto de vidro. A reorganização do acervo existente no Museu é constante, assim como a busca por novos acervos e parceiros para exposições


Aquário do Instituto de Pesca, AIP, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Diretora, Carga horária: 16
Outras informações
O Instituto de Pesca, vinculado à Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, é uma instituição de pesquisa científica e tecnológica que desenvolve projetos nas áreas de pesca e aquicultura, visando à obtenção e transferência de novos conhecimentos e de tecnologias destinadas à melhoria do agronegócio do pescado e da qualidade ambiental. Além das instalações destinadas à realização de suas pesquisas, o Instituto conta com espaços privilegiados para o desenvolvimento de atividades diferenciadas. Um desses espaços localiza-se no Parque Fernando Costa, conhecido também como "Parque da Água Branca", uma importante área de lazer da cidade de São Paulo que recebe um grande número de visitantes ao longo do ano: é o "Aquário do Instituto de Pesca", o mais antigo do Estado de São Paulo e o segundo mais antigo do Brasil, construído na década de 1930. O Aquário do Instituto de Pesca é um espaço destinado ao desenvolvimento de atividades educacionais e culturais. Neste espaço, os visitantes podem conhecer um pouco mais sobre espécies de peixes de alto potencial econômico para a aquicultura e a pesca continental. Contamos também com algumas espécies de peixes ornamentais de água doce e marinho. O Parque da Água Branca, uma importante área de lazer da cidade, está localizado próximo de três dos maiores centros culturais da cidade: o Memorial da América Latina, o Senac e o Sesc-Pompéia. Portanto, quem for visitar o Aquário do Instituto de Pesca aproveita ainda o exuberante Parque, rico em plantas e animais. Criado em 1905, numa época de forte desenvolvimento da agropecuária paulista, o Parque destinava-se exclusivamente a abrigar órgãos de pesquisa agropecuária, associações de criadores, leilões e exposições de animais. Hoje tornou-se um grande parque público com características tanto urbanas (abrigando grupos de teatro e dança, de convivência para a terceira idade) quanto do campo (com diversos animais



Linhas de pesquisa


1.
Qualidade do Pescado

Objetivo: Com o objetivo de diagnosticar os pontos de risco à saúde pública na cadeia produtiva do pescado marinho na Baixada Santista, foi desenvolvido pela ULRTP o Projeto de Políticas Públicas da FAPESP, intitulado ?Caracterização Higiênico-sanitária da cadeia produtiva do pescado marinho da Baixada Santista?. Numa primeira fase do projeto ficou constatado a importância deste estudo comprovando a baixa qualidade de pescado oferecido à população, e a urgente necessidade de um maior entrosamento entre as Instituições de Pesquisa e os órgãos de Fiscalização, no sentido de elaborar conjuntamente propostas de ações efetivas para a solução dos problemas de saúde pública relacionados ao consumo de pescado. Outros projetos que buscam a manutenção da qualidade do pescado estão em andamento..
Palavras-chave: qualidade do pescado; saúde pública; segurança alimentar.
2.
Tecnologia de Processamento de Pescado

Objetivo: Desenvolver e/ou aprimorar técnicas de resfriamento; congelamento; salga; secagem; defumação; confecção de pastas e embutidos (lingüiça, hambúrguer, nuggets, presunto, salsicha, kibe) e fermentados, visando obter produtos de qualidade, valor adicionado, rápida elaboração, baixo custo, boas qualidades organolépticas, fácil armazenamento, e que atendam às expectativas do mercado consumidor. Apesar das várias tecnologias disponíveis para confecção de embutidos possibilitarem o aproveitamento integral do pescado e preconizarem a preocupação com a qualidade desta matéria prima (commodity), é de extrema importância considerar também a responsabilidade ambiental em seus vários aspectos, desde a origem do pescado, técnica de pesca utilizada, tamanhos mínimos de pescado, e outros..
Palavras-chave: Qualidade nutricional; qualidade do pescado; processamento.
3.
Microbiologia

Objetivo: o projeto "Qualidade do polvo (Octopus of vulgaris) na cadeia produtiva da Baixada Santista: aspectos microbiológicos e químicos", tem por objetivos verificar a ocorrência de microorganismos patogênicos e de substâncias químicas nos pontos da cadeia produtiva do polvo na Baixada Santista..
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral.
Palavras-chave: polvo; contaminação microbiológica; Baixada santista; Qualidade; cadeia produtiva; contaminação química.
4.
Salmonicultura

Objetivo: Na Estação Experimental de Salmonicultura de Campos do Jordão, estive diretamente envolvida nos Projetos de Pesquisa desenvolvidos, projetos estes inovadores e cujos resultados contribuíram para o desenvolvimento da atividade nos estados de SP, MG, ES, RJ e SC, fortalecendo a Truticultura nacional: - Durante o processo de engorda da truta, observamos um crescimento bastante heterogêneo no lote. Os Projetos ?Avaliação do efeito da triploidização sobre as características produtivas em truta arco-íris, O. mykiss? e ?Herança da coloração amarela e sua utilização como indicadora fenotípica de triploidia em truta arco-íris, O. mykiss ? nos forneceram subsídios para minimizar este problema: a triploidização esteriliza o animal e não há gasto de energia para maturação sexual, resultando em lotes mais homogêneos. Já o uso de machos amarelos dominantes origina filhotes pardos, indicação visual imediata de animais triplóides. A Estação disponibiliza para os produtores interessados ovos embrionados e alevinos triplóides; - Trutas utilizadas como matrizes ou abatidas com mais de 1 ano de cultivo normalmente apresentam tumores no fígado, que levam a taxas de mortalidade significativas durante a produção. O Projeto ?Caracterização histoquímica, imuno-química e ultra sensorial dos componentes parenquimatosos e estromais das neoplasias hepáticas induzidas por aflatoxina B1 em truta arco-íris, O. mykiss? , comprovou que a causa dos tumores é a contaminação da ração por aflatoxina, (fungo comum na natureza), devido a problemas de mau armazenamento; - Carnívora, a truta arco-íris exige ração com alto teor de proteína, fornecida pela farinha-de-peixe, ingrediente este com produção em declínio. Visando buscar alternativas, foi desenvolvido o Projeto ?Influência de modificação da proteína de soja sobre o crescimento e aspectos nutricionais do teleósteo carnívoro truta arco-íris, O. mykiss? com a substituição de parte da farinha-de-peixe por proteína de soja modificada, demonstrando gr.
Palavras-chave: truta arco-íris; Produção; triploidização; defumação líquida; resíduo de pescado; processamento.


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
Avaliação do crescimento e aproveitamento de kapaphicus alvarezii cultivada no litoral norte de São Paulo-SP
Descrição: Kappaphhycus alvarezii é uma macroalga vermelha cultivada comercialmente em mais de 20 países pela sua importância como fonte de carragenana kapa, um hidrocolóide industrial utilizado como espessante e emulsificante. Essa alga também pode ser utilizada como biofertilizante, na composição de rações e fármacos, na extração do bioetanol ou ainda consumida fresca. A espécie foi introduzida no Brasil em 1995 pelo Instituto de Biociências da USP em parceria com o Instituto de Pesca e vem sendo mantida para pesquisa em sistema de cultivo tie tie na Fazenda Marinha Experimental do Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento do Litoral Norte do Instituto de Pesca. Entretanto, a despeito do interesse dos maricultores, o cultivo desta espécie ainda não se consolidou como alternativa produtiva e econômica na região, em razão do desconhecimento dos parâmetros de crescimento e da tecnologia necessária para o seu aproveitamento integral. Neste sentido, o aproveitamento integral desta macroalga no desenvolvimento de produtos de grande potencial no mercado atual, como o extrato de biofertilizante e a farinha, poderá contribuir para a geração de renda e incentivo à implantação de novos cultivos, consolidando a atividade no litoral norte de SP. Os objetivos deste projeto são: 1. A avaliação das taxas de crescimento de quatro linhagens da macroalga ao longo de um ano.; 2. O desenvolvimento de tecnologias de processamento do extrato de biofertilizante e da farinha a partir da macroalga..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Thais Moron Machado - Integrante / Cristiane R. P. Neiva - Integrante / Valéria C. Gelli - Coordenador / Ingrid Cabral Machado - Integrante.
2014 - Atual
Inserção do pescado na alimentação escolar (AE): estudo da viabilidade técnica de inserção da carne mecanicamente separada - CMS de pescado

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Cristiane Rodrigues Pinheiro Neiva em 22/05/2015.
Descrição: A CMS/polpa é uma tecnologia que permite maior recuperação de carne em comparação à obtida pelos métodos de processamento convencionais, gerando matéria-prima básica e eclética para o desenvolvimento de novos produtos e agregando valor a uma parte depreciada das capturas. É notória no Brasil a ausência de produtos a base de pescado em mercados institucionais, hospitais, creches, asilos e também na Alimentação Escolar AE, sendo necessário avançar para o estabelecimento de tecnologias que gerem produtos a base de pescado com boa aceitação e que mantenham suas características nutricionais. A tecnologia de CMS ou polpa de pescado proporciona um produto de ótima qualidade para a elaboração de produtos semi-prontos, de preparo prático, sabor suave e livre de ossos e espinhas, características estas importantíssimas para uma fácil e segura utilização na AE. Considerando-se a necessidade de estabelecimento de uma tecnologia de processamento que viabilize a inserção do pescado na AE, faz-se necessário caracterizar de forma plena a tecnologia de obtenção de CMS utilizada em industrias nas várias regiões do Brasil, assim como estabelecer padrão de qualidade que garanta um consumo seguro deste produto na AE. Além disso, é preciso avançar no estudo de aceitação das preparações nas diferentes regiões e prever ferramentas de disponibilização da tecnologia nos diferentes segmentos da cadeia produtiva do pescado. Esta proposta tem como objetivo geral avaliar a viabilidade técnica da CMS ou polpa de pescado, nas diferentes regiões do território nacional. Pretende-se que as informações embasem programas e regulamentos que fortaleçam a utilização desta tecnologia..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Thais Moron Machado - Integrante / Cristiane R. P. Neiva - Coordenador / Érika Fabiane Furlan - Integrante / Rúbia Y. Tomita - Integrante.
2013 - 2014
UTILIZAÇÃO DA ENZIMA TRANSGLUTAMINASE EM MEDALHÕES DE APARAS E CMS DE ESPINHAÇO DE TILÁPIA
Descrição: No processamento de tilápias para produção de filés sem pele, o volume de subprodutos constituído por vísceras, cabeça, pele, escama, espinhaço (coluna e costelas com carne aderida) e aparas é de 65 a 70%. A transformação destes subprodutos em produtos para alimentação humana é uma ótima opção de renda para as indústrias, podendo aumentar sua lucratividade. Uma alternativa é a utilização do espinhaço como matéria-prima para a obtenção da carne mecanicamente separada de pescado ?CMS, base para elaboração de diversos produtos que vem alcançando significativo interesse em todo o mundo. A pesquisa tecnológica vem buscando ampliar e desenvolver métodos para o aproveitamento máximo dos considerados resíduos por parte das indústrias, criando produtos reestruturados com pedaços de músculo e polpa, que sejam uniformes na forma, cor e textura. A possibilidade de se obter, a partir de retalhos, grandes pedaços de carne reestruturada na forma de filés de peixe, tem se mostrado interessante na indústria. A tecnologia de utilização datransglutaminase microbiana permite o desenvolvimento de produtos bem aceitos pelo consumidor, tanto a partir de pescado inteiro (de baixo valor comercial), como de carnes de carcaça e sobras do processo de filetagem, aumentando consideravelmente o seu valor agregado. O desenvolvimento do produto reestruturado bem como seu melhoramento tecnológico (textura, aparência, aroma e sabor) está acompanhando o fenômeno mercadológico, que busca agregar valor aos produtos. O objetivo destapesquisa foi desenvolver o produto ?medalhão de tilápia?, utilizando como matéria-prima aparas e CMS de espinhaço de tilápia, associado à enzima transglutaminase como agente ligante, analisar a textura instrumentalmente e identificar a formulação melhor avaliada sensorialmente, quanto à aceitação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Thais Moron Machado - Coordenador / Cristiane R. P. Neiva - Integrante / Luiz Miguel Casarini - Integrante / Rafaela Isadora de NOFFRI - Integrante.
2013 - 2014
Avaliação dos bancos naturais nos costões rochosos da Ilha das Palmas na Baía de Santos.

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Luiz Miguel Casarini em 22/05/2015.
Descrição: A espécie Echinometra lucunter caracteriza-se como equinóide regular, com coloração da carapaça e espinhos variando de tons escuros ao negro. Ocorre em águas temperadas e tropicais do oceano Atlântico, geralmente na região entremarés até 45 metros de profundidade, e quando adulto, pode atingir dimensões de até 150 mm de diâmetro. A maioria das espécies marinhas utilizadas para alimentação humana contribui com a musculatura ou a massa visceral para o consumo. No caso do ouriço, a porção de interesse alimentar se concentra nas gônadas (Figura 1). Em vários países existe grande mercado para o ouriço, e suas ovas são consideradas recurso inovador cada vez mais apreciado pela cozinha internacional, tornando esse grupo zoológico um importante recurso econômico, especialmente para sobrevivência de comunidades locais. Ovas de ouriço-do-mar frescas e salgadas fazem parte da alimentação desde a antiguidade, e atualmente são consumidas tanto frescas como processadas, diferenciadas em padrões de qualidade em função de tamanho, cor e textura. Nutricionalmente, o ouriço é um alimento pobre em calorias e carboidratos, rico em proteínas, ferro e fósforo. Cada 100 g possui valor energético de 68,70 kcal. No nordeste do Brasil as gônadas do ouriço E. lucunter são utilizadas como alimentação por comunidades, como meio de subsistência. Os costões rochosos da Baía de Santos - SP servem como substrato de grande quantidade de espécies utilizadas para consumo humano, entre elas o ouriço-do-mar. Este estudo objetivou processar ovas do ouriço-do-mar Echinometra lucunter para consumo humano, verificar a aceitação e preferência desse produto, e a intenção de compra pelo consumidor em potencial..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - Atual
ESTUDO DE VIABILIDADE TÉCNICA E ECONOMICA DA UTILIZAÇÃO DE RESÍDUOS DA INDUSTRIALIZAÇÃO DO PESCADO NA PRODUÇÃO DE ADUBO ORGÂNICO PARA HORTICULTURA

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Érika Fabiane Furlan em 22/05/2015.
Descrição: Da matéria-prima original da indústria pesqueira, estima-se que 50 a 70% se torne resíduo. Isso significa que uma grande quantidade de nutrientes, provenientes do ambiente aquático, é desperdiçada. A silagem de pescado, confeccionada de resíduos ou espécies de baixo valor comercial, é uma solução simples, viável e que apresenta vantagens como: baixo custo de implantação, não requer mão de obra especializada, não polui o ambiente, não atrai insetos, gera empregos, entre outras. A cadeia produtiva do pescado possui potencial para ocupar um espaço destacado entre as atividades econômicas brasileiras, no entanto é hoje uma das mais negligenciadas dentro do agronegócio. Neste sentido, ações específicas de natureza ambiental e ecológica devem ser propostas com o objetivo de contribuir para a exploração sustentável e racional dos recursos, bem como para minimizar o impacto adverso que os resíduos gerados por esta atividade produzem no ambiente, buscando a gestão responsável e sustentável do agronegócio do pescado. Uma alternativa possível para a utilização destes resíduos seria sua transformação em silagem ácida, que após neutralização, seria utilizada como adubo orgânico em olericultura. Para se estudar adequadamente este assunto deve-se avaliar a qualidade microbiológica, físico-química, contaminantes inorgânicos, composição centesimal e nutrientes minerais, desde as diferentes matérias primas passíveis de utilização, passando pelas diferentes fases da silagem e as hortaliças oriundas desta adubação. Além disto é necessário o estudos dos parâmetros fito técnicos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2014
?PROCESSAMENTO DE OVAS DE TRUTA ARCO-IRIS SALMONADAS COMO SUCEDÂNEO DO CAVIAR?
Descrição: Este projeto tem por objetivos desenvolver tecnologia de processamento para obtenção de um produto diferenciado de alto valor agregado a partir de matéria-prima atualmente considerada resíduo do abate, e contribuir para diversificação da oferta de produtos da truticultura..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2012
?Rede de suporte no controle da qualidade do pescado - REDE QUALIPESCADO
Descrição: Com foco em Segurança Alimentar, a ?Rede de suporte no controle da qualidade do pescado - REDE QUALIPESCADO (Edital CNPq/MAPA/SDA Nº. 064/2008), conta com a participação de instituições de renome, como: Instituto Adolfo Lutz ? IAL, Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo e Escola Superior Luis de Queiroz - ESALQ/USP. Esse projeto visa dar suporte no Controle da Qualidade, Inocuidade, Vigilância e Sanidade do Pescado, atendendo a demanda dos órgãos governamentais e do setor produtivo através da revalidação de métodos analíticos para garantia da qualidade do pescado e promoção de capacitações para a disseminação do conhecimento técnico-científico, gerando multiplicadores experts na promoção da qualidade do pescado, estruturando essa cadeia produtiva e consequentemente alavancando o agronegócio do pescado.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
?Inovação Tecnológica com Ozônio visando adensamento tecnológico na Indústria da Pesca?
Descrição: O ozônio, excelente oxidante e germicida, é aprovado pelo Food and Drug Administration (FDA) como aditivo secundário para alimentos. Possui também diversas propriedades físico-químicas de interesse à conservação de alimentos, sanitização de ambientes, bem como, no tratamento de águas residuárias de diversos tipos e origens, além de não ter efeito residual. Este projeto se propôs a utilizar uma nova tecnologia economicamente viável, comprovar a eficácia do ozônio na cadeia produtiva do pescado e disponibilizar os resultados para as autoridades competentes legislarem sobre seu potencial uso em âmbito nacional. Os resultados indicaram que a água ozonizada pode ser utilizada no processamento do pescado como alternativa à clorada, que tem efeito residual..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2011
Estudo de vida-de-prateleira de produtos congelados
Descrição: A vida-de-prateleira, por força de exigência legal, é um dado requerido para o lançamento de produtos alimentícios nos mercados. O padrão de qualidade de um produto, assim como o limite para a perda desta qualidade, são parâmetros a serem definidos, relacionando informações sobre o desempenho durante a vida útil e parâmetros econômico-comerciais. O conhecimento das alterações sofridas pelos produtos processados durante o período de armazenamento, distribuição e consumo, deve ser estrategicamente gerenciado por parte das indústrias de alimentos. O objetivo deste projeto é verificar a sustentabilidade da vida-de-prateleira durante 18 meses para os produtos congelados: camarão sete-barbas e filé de pescada..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2008
?Diagnóstico do perfil dos profissionais da pesca artesanal da Baixada Santista?
Descrição: Este projeto teve por objetivo prospectar as oportunidades, problemas e dificuldades do setor pesqueiro artesanal. Os resultados indicaram que da captura à comercialização foram observados muitos fatores que indicam falhas na utilização de medidas higiênico-sanitárias, demonstrando que os envolvidos na pesca artesanal de ambos os municípios encontraram-se despreparados em relação à salvaguarda da qualidade do alimento pescado. É premente a necessidade de implantação de programas de políticas públicas que norteiem esse segmento de forma a garantir a qualidade do pescado ofertado ao consumidor. Tais programas envolveriam capacitações, criação e implantação de guias de Boas Práticas de Pesca (BPP) e sua utilização no dia-a-dia da atividade pesqueira, facilidade de acesso à linhas de financiamento para aquisição de equipamentos de trabalho como barcos, redes, gelo, etc..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2010
Desenvolvimento de produtos à base de pescado desidratado: processamento,valor nutricional e aceitabilidade
Descrição: O projeto teve por objetivo desenvolver, a partir do CMS ? Carne Mecanicamente separada, produtos de qualidade nutricional comprovada, direcionados para o mercado institucional..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2009
Diagnóstico das condições ecológico-sanitárias do rio Itanhaém
Descrição: Este projeto teve por objetivo identificar os potenciais do Rio Itanhaém e seus principais afluentes e embasar o setor produtivo a se desenvolver sustentavelmente, assegurando a qualidade do pescado a ser cultivado e ou coletado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2010
Qualidade do polvo (O. vulgaris) na cadeia produtiva da Baixada Santista: aspectos microbiológicos e químicos
Descrição: Tendo em vista a inexistência de dados sobre a qualidade de polvo e o interesse que vem despertando como produto de exportação, o presente estudo teve por objetivo verificar a ocorrência de contaminação microbiana e de metais pesado, bem como seu grau de frescor..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2007
Caracterização Higiênico Sanitária do pescado na cadeia produtiva da Baixada Santista
Descrição: Com o objetivo de diagnosticar os pontos de risco à saúde pública na cadeia produtiva do pescado, foi desenvolvido o Projeto de Políticas Públicas da FAPESP intitulado ?Caracterização Higiênico-sanitária da cadeia produtiva ...? . Numa primeira fase do projeto ficou constatado a importância deste estudo comprovando a baixa qualidade de pescado oferecido à população e a urgente necessidade de atuação mais efetiva dos órgãos fiscalizadores de Inspeção. Foram montados grupos multidisciplinares de Ação, Pesquisa e Saúde, visando à elaboração de propostas de ações efetivas para a solução dos problemas de saúde pública relacionados ao consumo de pescado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2006 - 2007
Capacitação de profissionais de pesca na região Metropolitana da Baixada Santista
Descrição: As práticas sanitárias permeiam todos os fatores relativos à contaminação dos alimentos marinhos, incluindo o meio em que esses organismos são capturados, a manipulação da matéria-prima fresca e o estado das instalações onde o pescado é processado e armazenado. A eficácia das medidas sanitárias depende da seriedade com que o profissional envolvido cumpre as normas estabelecidas para melhorar a qualidade e aumentar a confiabilidade sanitária dos produtos alimentícios marinhos. O sucesso do trabalho com pescado está ligado ao trinômio: tempo, higiene e temperatura. O tempo é importante na rapidez com que se desencadeiam reações autolíticas e/ou microbianas, que estão relacionadas com o grau de higiene do barco, estrutura de processamento e dos manipuladores do pescado, somados às baixas temperaturas que, se devidamente aplicadas, evitarão ou retardarão as reações já mencionadas . Este projeto teve por objetivo capacitar pescadores artesanais em Qualidade do Pescado, BPM e Tecnologias de Processamento de Pescado, visando a manutenção da qualidade do pescado..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Outros Projetos


2012 - Atual
Unidade de Processamento do Pescado no Município de Itanhaém
Descrição: Atendimento ao Ofício GP 365/2013 da Prefeitura Municipal de Itanhaém e Expediente SAA no 126.454, solicitando consultoria técnica para Implantação de Unidade de Processamento do Pescado no Município de Itanhaém, para produção de carne mecanicamente separada (CMS) para merenda escolar..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.


Revisor de periódico


2010 - Atual
Periódico: Boletim do Instituto de Pesca (Online)
2014 - Atual
Periódico: ACTA Pesca


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos / Subárea: Tecnologia de Alimentos/Especialidade: Tecnologia de Pescado.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos / Subárea: Aproveitamento resíduo pescado.
3.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Ciência e Tecnologia de Alimentos / Subárea: Segurança Alimentar.
4.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Zootecnia / Subárea: Aquicultura/Especialidade: Salmonicultura.
5.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Museologia / Subárea: Museologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2016
INCLUSÃO DO PESCADO NA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR NO MUNICÍPIO DE ITANHAÉM ? 1º lugar na categoria Projeto de Pesquisa, PRÊMIO JOSUÉ DE CASTRO - Governo do Estado de SP.
2012
2º lugar - livro Tecnologia do Pescado, 54º Prêmio Jabuti 2012.
2012
Biscoito de CMS de pescado - 1º lugar, Prêmio Josué de Castro - Governo do Estado de São Paulo.
2010
Prêmio pelo trabalho " Avaliação do teor de líquido perdido por degelo em pescado congelado (Dripping test)" apresentado no SICIP - Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca, Instituto de Pesca.
2008
Prêmio: 2º lugar Apresentação de trabalho "Análise físico-química de polvo (Octopus sp) utilizando-se diferentes metodologias" - Seminário de Iniciação Científica do Instituto e Pesca, Instituto de Pesca - PIBIC (Programa Institucional de Bolsas de iniciação científica do CNPq.
2007
Prêmio por Mérito Científico do trabalho: "Pescado Comercializado na Baixada Santista - Aspectos Parasitológicos", XXXIV CONBRAVET - Sociedade Brasileira de Medicina Veterinária e Sociedade Paulista de Medicina Vete.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:19
Total de citações:26
MACHADO, T.M.  Data: 22/05/2015

Artigos completos publicados em periódicos

1.
NEIVA, C. R. P.2018NEIVA, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. . ACEITAÇÃO DE PREPARAÇÕES À BASE DE CARNE MECANICAMENTE SEPARADA (CMS) DE PESCADO NA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR. BOLETIM DO INSTITUTO DE PESCA (ONLINE), v. 1, p. 62-71, 2018.

2.
MACHADO, T. M.2018MACHADO, T. M.; NEIVA, C. R. P. . Pescado na merenda escolar: viabilidade e econômica da implementação de uma unidade de beneficiamiento de pescado - UBP no Municipio de Itanhaém ? SP ? Brasil. INFOPESCA INTERNACIONAL, v. 64, p. 26-32, 2018.

3.
MACHADO, T. M.2017MACHADO, T. M.; COSTA, J. A. ; MOTTA, N. S. ; CASARINI, L. M. . Rock-boring urchin roe from Brazilian subtropical coastal zone for human consumption. ACTA SCIENTIARUM. TECHNOLOGY (ONLINE), v. 39, p. 495-502, 2017.

4.
MACHADO, T. M.2016MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; TAKAHASHI, N. S. ; CASARINI, L. M. ; NEIVA, C. R. P. ; HENRIQUES, M. B. . Caviar substitute produced from roes of rainbow trout (Oncorhynchus mykiss). Acta Scientiarum. Technology (Online), v. 38, p. 233-240, 2016.

5.
MACHADO, T. M.2015MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; CASARINI, L. M. ; TAKAHASHI, N. S. ; HENRIQUES, M. B. . ECONOMIC VIABILITY TO PRODUCE CAVIAR SUBSTITUTE USING ROES OF RAINBOW TROUT. Boletim do Instituto de Pesca (Online), v. 47, p. 69-77, 2015.

6.
RODRIGUES, M. V.2015RODRIGUES, M. V. ; PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. ; ORISAKA, F. M. . Research of Ascocotyle (Phagicola) longa in Heat Treated Fillets of Mullet (Mugil platanus).. Fisheries and Aquaculture Journal, v. 6, p. 1, 2015.

7.
NEIVA, C. R. P.2015NEIVA, C. R. P. ; MATSUDA, C. S. ; MACHADO, T. M. ; CASARINI, L. M. ; TOMITA, R. Y. . GLACIAMENTO EM FILÉ DE PEIXE CONGELADO: REVISÃO DOS MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE PESO DO PRODUTO. Boletim do Instituto de Pesca (Online), v. 41, p. 899-906, 2015.

8.
ANBE, L.2015ANBE, L. ; SUCASAS, L. F. de A. ; MACHADO, T. M. ; OETTERER, M. . Importância da Adoção de Programa de Gerência do Resíduo de Processamento da Tilápia. Informações Econômicas (Impresso), v. 45, p. 18-26, 2015.

9.
MACHADO, T. M.2014MACHADO, T. M.. CAVIAR E SUCEDÂNEOS. Infopesca Internacional, v. 57, p. 25-29, 2014.

10.
PEREZ, A. C. A.2014PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. R. P. ; FURLAN, É. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; TOMITA, R. Y. ; RODRIGUES, M. V. ; SILVEIRA, N. F. A. ; MORGANO, M. A. ; MANTOVANI, D. M. B. . EVALUATION OF SEAFOOD QUALITY MARKET IN BAIXADA SANTISTA/SP. Boletim do Instituto de Pesca (Online), v. 40, p. 167-177-177, 2014.

11.
MACHADO, T. M.2014MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; NOFFRI, R. I. ; CASARINI, L. M. ; QUINONES, E. M. . UTILIZAÇÃO DA ENZIMA TRANSGLUTAMINASE EM MEDALHÕES DE APARAS E CMS DE ESPINHAÇO DE TILÁPIA. Boletim do Instituto de Pesca (Online), v. 40, p. 617-627, 2014.

12.
PEREZ, A. C. A.2012PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. ; LOPES, R. G. ; OKUMURA, M. P. M. ; RODRIGUES, M. V. . Aspectos parasitológicos do pescado comercializado na Costa da Mata Atlântica. Higiene Alimentar, v. 26, p. 120-124, 2012.

13.
NEIVA, C.2011 NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; BASTOS, D. H. M . Fish crackers development from minced fish and starch: an innovative approach to a traditional product.. Ciência e Tecnologia de Alimentos (Impresso), v. 31, p. 973-979, 2011.

14.
MACHADO, T. M.2010MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. ; SANTOS, A. L. B. ; CASARINI, L. M. . Prácticas higiénico-sanitarias en la pesca artesanal. Infopesca Internacional, v. 42, p. 33-36, 2010.

15.
MACHADO, T. M.2010 MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; PEREZ, A. C. A. ; CASARINI, L. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . FATORES QUE AFETAM A QUALIDADE DO PESCADO NA PESCA ARTESANAL DE MUNICÍPIOS DA COSTA SUL DE SÃO PAULO, BRASIL. Boletim do Instituto de Pesca (Impresso), v. 36, p. 213-223, 2010.

16.
WRIGHT, G.C.H.2009WRIGHT, G.C.H. ; DOURADO, P.C. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; NEIVA, C. . Industrialização de Pescado: passos básicos para a análise econômica no empreendimento. Revista Aquicultura & Pesca, v. 42, p. 48-56, 2009.

17.
MACHADO, T. M.2008MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Capacitación de pescadores artesanales: uma herramienta para el aseguramiento de la calidad del pescado. Memorias - Infopesca/FAO, v. 01, p. 134-140, 2008.

18.
Tomita, R. Y.2008Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. . La calidad ambiental y la calidad del pescado: aspectos complentarios de seguridad alimentaria.. Memorias - Infopesca/FAO, v. 01, p. 47-52, 2008.

19.
NEIVA, C.2008NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; FARIA, M. D. T. M ; BASTOS, D. H. M . Productos deshidratados: una alternativa para el crecimiento del consumo del pescado.. Memorias - Infopesca/FAO, v. 01, p. 108-112, 2008.

20.
MACHADO, T. M.1998MACHADO, T. M.. Silagem Biológica de Pescado. Panorama da Aquicultura, v. 8, p. 30-32, 1998.

21.
MORAES, C.1996MORAES, C. ; MACHADO, T. M. ; Tavares, M. . ?Defumação líquida da truta arco-íris (O. mykiss) : efeitos da estocagem nas propriedades físicas, químicas e sensoriais?. Revista do Instituto Adolfo Lutz (Impresso), v. 56(2), p. 43-48, 1996.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MACHADO, T. M.; MASSARO, M. G. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; TOMITA, R. Y. . Pescado é saúde: salga, secagem e defumação. 1. ed. , 2017.

2.
MASSARO, M. G. ; Tomita, R. Y. ; NEIVA, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. . Pescado é saúde: uso do frio. 1. ed. , 2016.

3.
SCHATTAN, R. B. ; Tomita, R. Y. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. . A polpa de peixe - Dicas e receitas. 1. ed. São Paulo: , 2014. v. 1. 71p .

4.
RAIMUNDO, M. G. M. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. . Pescado Saúde e Nutrição. 1. ed. São Paulo: , 2014. v. 1. 53p .

Capítulos de livros publicados
1.
MACHADO, T. M.. Tecnologias Inovadoras e Emergentes: Embutidos de pescado. In: Alex Augusto Gonçalves. (Org.). Tecnologia do Pescado: Ciência, Tecnologia, Inovação e Legislação. 1ed.: Atheneu, 2011, v. 1, p. 262-272.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. . Pescado na alimentação Escolar. Martin-pescador, Bertioga, 01 maio 2010.

2.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; Tomita, R. Y. . Pescado na merenda escolar é tema de Workshop. Martin-pescador, Bertioga/SP, 01 nov. 2009.

3.
MACHADO, T. M.. Um negócio promissor. A Tribuna, Santos, 16 mar. 2009.

4.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. . Estudo aponta problemas para a pesca artesanal em Itanhaém. A Tribuna, Santos, p. A11 - A11, 04 jan. 2009.

5.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. . No Equador, pesquisadores do Instituto de Pesca participam de importante reunião sobre produtos pesqueiros.. Site institucional do Instituto de Pesca, 05 nov. 2008.

6.
MACHADO, T. M.. Na Baixada Santista, instituto busca parceria. A Tribuna - encarte Ciência, Tecnologia e Meio Ambiente, Santos, 21 jun. 2008.

7.
Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Em Santos (SP), Secretário da Agricultura prestigia aniversário do Instituto de Pesca. Site Institucional do Instituto de Pesca, www.pesca.gov.br, 10 abr. 2008.

8.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. . Instituto capacita pescadores de São Sebastião em Controle de Qualidade do Pescado. Site Institucional do Instituto de Pesca, www.pesca.sp.gov.br, 24 mar. 2008.

9.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. . Pescadores de São Sebastião aprendem técnicas de conservação e manipulação do pescado. Site Institucional da Prefeitura Municipal de São Sebastião, www.saosebastiao.sp.gov.br, 18 mar. 2008.

10.
Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. ; LEMOS NETO, M. J. . III SIMCOPE - Comissão Organizadora. Site Institucional do Instituto de Pesca, www.pesca.sp.gov.br, 05 mar. 2008.

11.
Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . Capacitação em qualidade do pescado para manipuladores do TPPS. Jornal local, Santos, 01 mar. 2008.

12.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; PEREZ, A. C. A. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Atividade pesqueira de São Vicente recebe Diagnóstico. Site Institucional do Instituto de Pesca, www.pesca.gov.br, 29 fev. 2008.

13.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. . Estudo traça o perfil da pesca em São Vicente. Jornal local, Santos, 23 fev. 2008.

14.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. . Estudo traça perfil da pesca em SV: Diagnóstico Empresarial de Pescadores de São Vicente. Jornal da Orla - www.jornaldaorla.com.br, Santos, 21 fev. 2008.

15.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. . Problemas são alvo de estudo. Expresso Popular, Santos, 21 fev. 2008.

16.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Workshop mostra aproveitamento do pescado. Martim Pescador, Bertioga, 01 jan. 2008.

17.
MACHADO, T. M.. Encontro de Truticultores. A voz da Montanha, Delfim Moreira, 27 out. 2007.

18.
PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Pescado Apresenta Parasitas. A Tribuna, Santos, 07 jul. 2007.

19.
MACHADO, T. M.; CASARINI, L. M. ; GENOVA, P. . Pesquisadores do Instituto de Pesca partcipam do congresso Brasileiro de Engenharia de Pesca. Site institutcional do IP.

20.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . Capes apoia implementação de práticas de manejo e processamento sustentáveis na cadeia produtiva do pescado. Site institutcional IP.

21.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . No Ceará, evento Latinoamericano reune mulheres do setor pesqueiro e aquícola. Site institucional do IP.

22.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; Tomita, R. Y. . Instituto de Pesca e CATI: parceria em proveito da inclusão do pescado na alimentação escolar. Site institucional do IP.

23.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. . Inclusão do pescado na alimentação escolar é tema do II Workshop. Site institucional do IP.

24.
Tomita, R. Y. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. . Monitoramento Pesqueiro e Tecnologia do Pescado: duas importantes áreas de estudo do Instituto de Pesca. Site institucional do IP.

25.
MACHADO, T. M.. Peixes: saiba como escolher e armazenar. Globo Rural.

26.
MACHADO, T. M.. Quais os cuidados na compra do pescado?. Site institucional do Instituto de Pesca.

27.
MACHADO, T. M.. Caviar pode ficar mais acessível.. Globo Rural.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. ; TAKARASHI, N. ; Neiva, C. R. P. ; CASARINI, L. M. ; BARSOTTI, R. C. F. ; PASSOS, E. C. . Vida útil do sucedâneo de caviar de ovas detruta arco-íris estocado sob refrigeração. In: V SIMCOPE - Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado, 2012, Santos. V SIMCOPE - Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado, 2012.

2.
MATSUDA, C. S. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; CASARINI, L. M. ; Neiva, C. R. P. . PADRONIZAÇÃO E ESTUDO DE VALIDAÇÃO DE METODOLOGIAS PARA DESGLACIAMENTO E DESCONGELAMENTO DE FILÉ DE PESCADO. In: VI SICIP (6º SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA) e III EPgIP (3º ENCONTRO DE PÓS-GRADUANDOS DO INSTITUTO DE PESCA), 2011. VI SICIP (6º SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA) e III EPgIP (3º ENCONTRO DE PÓS-GRADUANDOS DO INSTITUTO DE PESCA).

3.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. ; TAKARASHI, N. ; CASARINI, L. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; NEIVA, C. ; PASSOS, E. C. . ANÁLISE DE ACEITAÇÃO DO SUCEDÂNEO DE CAVIAR DE OVAS DA TRUTA ARCO-ÍRIS (Oncorhynchus mykiss) SALMONADAS. In: X Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2011. X Reunião Científica do Instituto de Pesca.

4.
Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; CASARINI, L. M. ; PRISCO, R. C. B. ; SAVOY, V.L.T. ; SAVAY da SILVA, L.K. ; GALVÃO, J.A. ; BARSOTTI, R. C. F. ; Tavares, M. . FORMAÇÃO DE UMA REDE DE SUPORTE AO CONTROLE DE QUALIDADE DO PESCADO ? REDE QUALIPESCADO. In: X Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2011. X Reunião Científica do Instituto de Pesca.

5.
CERQUEIRA, M.A.S. ; MARUYAMA, L. S. ; Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; MIURA, M. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. . O COMÉRCIO DE PESCADO NA CEAGESP, ENTRE OS ANOS DE 1991 E 2009. In: X Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2011. X Reunião Científica do Instituto de Pesca.

6.
MIURA, M. ; CERQUEIRA, M.A.S. ; MARUYAMA, L. S. ; NEIVA, C. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. . AS IMPORTAÇÕES E EXPORTAÇÕES DE PESCADO NO ESTADO DE SÃO PAULO ENTRE OS ANOS DE 2000 E 2009. In: X Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2011. X Reunião Científica do Instituto de Pesca.

7.
MATSUDA, C. S. ; MACHADO, T. M. ; Neiva, C. R. P. ; CASARINI, L. M. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. . Avaliação da acurácia e precisão dos métodos utilizados para quantificar o glaciamento em filé de pescado.. In: 11º Congresso Nacional de Iniciação Científica - CONIC - SEMESP, 2011. 11º Congresso Nacional de Iniciação Científica - CONIC - SEMESP.

8.
GOMES, C. M. M. ; MATSUDA, C. S. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; CASARINI, L. M. . Comparação de Metodologias investigatórias do volume de glaciamento praticado no pescado comercial. In: 16a Reunião da Rede Panamericana de Inspeção, Controle de qualidade e Tecnologia de Produtos Pesqueiros e 4º Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado, 2010, Santos. 16a Reunião da Rede Panamericana de Inspeção, Controle de qualidade e Tecnologia de Produtos Pesqueiros e 4º Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado, 2010.

9.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . O mercado de produtos pesqueiros de São Paulo. In: 16a Reunião da Rede Panamericana de Inspeção, Controle de qualidade e Tecnologia de Produtos Pesqueiros e 4º Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado, 2010. ?16ª Reunião da Rede Pan-Americana de Inspeção, Controle de Qualidade e Tecnologia de Produtos Pesqueiros? e ?4º SIMCOPE ? Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado?, 2010.

10.
PEREZ, A. C. A. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . ?Pescado marinho resfriado comercializado em supermercados da Baixada Santista, São Paulo?. In: ?IV Congresso Latino Americano e X Congresso Brasileiro de Higienistas de Alimentos ? III Encontro Nacional de Controle de Zoonoses e II Encontro do Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal?, 2009, Florianópolis. Higiene Alimentar, 2009. v. 23. p. 289-290.

11.
CASARINI, L. M. ; MOTTA, N. S. ; ANTUNES, C. B. ; MACHADO, T. M. . Comparações entre instrumentos de bordo utilizados na pesquisa pesqueira marinha. In: XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA DE PESCA, 2009, NATAL (RN). XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA DE PESCA, 2009.

12.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; CASARINI, L. M. ; SANTOS, A. L. B. ; FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. . Práticas higiênico-sanitárias na pesca artesanal de Itanhaém/SP: da captura à comercialização. In: XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA DE PESCA, 2009, Natal (RN). XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA DE PESCA, 2009.

13.
PEREZ, A. C. A. ; LIUSON, E. ; ISHIKAWA, R. T. ; OKUMURA, M. P. M. ; ORISAKA, F. M. ; MACHADO, T. M. . Bacalhau da Noruega altamente infestado por anisaquídeos comercializados no Brasil: um problema de saúde pública. In: 36º Congresso Brasileiro de Medicina Veterinária, 2009, Porto Seguro (BA). 36º Congresso Brasileiro de Medicina Veterinária, 2009.

14.
PEREZ, A. C. A. ; LOPES, R. G. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; OKUMURA, ; RODRIGUES, M. V. . Eficácia da análise sensorial na qualidade do pescado relacionado a aspectos parasitológicos. In: III Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008, São Vicente. III Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008.

15.
FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. . Parâmetros físico-químicos de peixes da família Scianidae como indicadores da qualidade. In: III Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008, São Vicente. III Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008.

16.
MACHADO, T. M.. Diagnóstico Higiênico-Sanitário da Pesca Artesanal de São Vicente - SP?. In: III SIMCOPE - Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008, São Vicente. III Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008.

17.
NEIVA, C. ; BASTOS, D. H. M ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Efeito da fritura e do microondas na expansão de biscoito de peixe. In: III SIMCOPE - Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008, São Vicente. III Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado, 2008.

18.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . ?Productos dehydratados, uma alternativa para el aumento del consumo del pescado?. In: Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspeción, Control de Calidad y Tecnologia de Productos Pesqueros ? Guayaquil ? Ecuador, 2008, Guayaquil. Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspeción, Control de Calidad y Tecnologia de Productos Pesqueros ? Guayaquil ? Ecuador, 2008.

19.
Tomita, R. Y. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . La calidad ambiental y la calidad del pescado: aspectos complementares de seguridad alimentar. In: Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspeción, Control de Calidad y Tecnologia de Productos Pesqueros ? Guayaquil ? Ecuador, 2008, Guayaquil. Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspeción, Control de Calidad y Tecnologia de Productos Pesqueros ? Guayaquil ? Ecuador, 2008.

20.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; PEREZ, A. C. A. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Capacitación de pescadores artesanales: una herramienta para el aseguramiento de la calidad del pescado. In: Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspeción, Control de Calidad y Tecnologia de Productos Pesqueros ? Guayaquil ? Ecuador, 2008, Guayaquil. Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspeción, Control de Calidad y Tecnologia de Productos Pesqueros ? Guayaquil ? Ecuador, 2008.

21.
NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; FARIA, M. D. T. M ; BASTOS, D. H. M . Efeito da fritura e do cozimento em microondas sobre a composição e a expansão de biscoito de peixe. In: XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos e XV Seminário Latino Americano e do Caribe de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2008, Belo Horizonte. XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos e XV Seminário Latino Americano e do Caribe de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2008.

22.
LEMOS NETO, M. J. ; SOUZA-SILVA, K. L. O. ; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. . Aspectos microbiológicos de polvo (Octopus sp) comercializado na Baixada Santista. In: XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos e XV Simpósio Latino Americano e do Caribe de Ciências e Tecnologia de Alimentos, 2008, Belo Horizonte. XXI Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos e XV Simpósio Latino Americano e do Caribe de Ciências e Tecnologia de Alimentos, 2008.

23.
RODRIGUES, N. M. DE P. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; FARIA, M. D. T. M ; PINTO, F. F. . ?Avaliação do rendimento da carne mecanicamente separada obtida de aparas de peixes?. In: ??III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca?, 2008, Santos. ??III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca?, 2008.

24.
FARIA, M. D. T. M ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; BASTOS, D. H. M . ?Efeito da fritura e do cozimento em microondas sobre a composição e a expansão do biscoito de peixe?. In: ?III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca?, 2008, Santos. ?III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca?, 2008.

25.
PINTO, F. F. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . ?Análise físico-química de polvo (Octopus sp) utilizando-se diferentes metodologias?. In: ?III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca?, 2008, Santos. ?III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca?, 2008.

26.
MACHADO, T. M.. ?Procesamiento de patê de trucha arco-íris com humo líquido y enlatada?. In: XIV Curso Internacional Tecnologia de Processamiento de Productos Pesqueros, 1998, Callao. Anais do XIV Curso Internacional Tecnologia de Processamiento de Productos Pesqueros ? Instituto Tecnológico Pesquero del Peru ? Propuesta de proyectos. Lima: Instituto Tecnológico Pesquero del Peru, 1998. v. único. p. 05-11.

27.
MORAES, C. ; MACHADO, T. M. ; Tavares, M. . ?Ahumación líquida de la trucha arco-íris (O. mykiss): efectos del procesamiento y del almacenamiento en las propiedades físicas, químicas y sensoriales?. In: XIV Curso Internacional Tecnologia de Processamiento de Productos Pesqueros ? Instituto Tecnológico Pesquero del Peru, 1998, Callao. Anais do XIV Curso Internacional Tecnologia de Processamiento de Productos Pesqueros ? Instituto Tecnológico Pesquero del Peru ? Trabajos técnicos (Resumen). Peru: Instituto Tecnológico Pesquero del Peru, 1998. v. único. p. 33-36.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MONTEIRO, J. C. ; GELLI, V. C. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. R. P. . Resultados preliminares do uso de farinha de algas marinhas e seu efeito na textura de produtos à base de CMS de pescado. In: IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014, São Paulo. IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Institut.

2.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. . Estudo do investimento necessário para produção da Carne Mecanicamente Separada ? CMS de pescado.. In: IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014, São Paulo. IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014.

3.
CATAPRETA, L. C. ; FURLAN, É. F. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. R. P. . Caracterização do resíduo de pescado produzido no Mercado de Peixe da cidade de Santos, SP-Brasil. In: IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014, São Paulo. IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2013.

4.
SANTOS, P. ; SATO, L. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, É. F. ; SANCHES, E. G. . Estudo do trato intestinal do bijupirá (Rachycentron canadum) submetido à dietas de resíduos de salga de sardinha.. In: IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014, São Paulo. IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014.

5.
HERRERA, L. A. ; SANTOS, A. P. ; SATO, L. Y. ; COSTA SILVA, F. ; BORGES, J. B. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, É. F. ; SANCHES, E. G. . Utilização de resíduos de salga de sardinha no desempenho zootécnico do bijupirá (Rachycentron canadum). In: IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014, São Paulo. IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP), 2014.

6.
FURLAN, E. F. ; HERRERA, L. A. ; SATO, L. Y. ; COSTA SILVA, F. ; MACHADO, T. M. ; SANCHES, E. G. . - Zootechnical Performance of cobia (Rachycentron canadum) submitted to diets based on residue of the fermented sardine. In: Aquacultere Europe 2014 - International Conference & Exposition Internacional, 2014, San Sebástian - Spain. Aquacultere Europe 2014 - International Conference & Exposition Internacional, 2014.

7.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; TAKAHASHI, N. S. ; CASARINI, L. M. . Estudo de mercado do sucedâneo de caviar da truta arco-íris no município de Campos do Jordão ? SP. In: VI SIMCOPE ? VI Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado, 2014, Santos. VI SIMCOPE ? VI Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado, 2014.

8.
MACHADO, T. M.; COSTA, J. A. ; CASARINI, L. M. . Processamento de ovas de Equinometra lucunder (Linnaeus, 1758) para consumo humano. In: II Congresso Latino americano de Equinodermos, 2013, São Sebastião. São Sebastião, 2013.

9.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. ; TAKARASHI, N. ; Neiva, C. R. P. ; PASSOS, E. C. ; CASARINI, L. M. . Testes de pasteurização no controle microbiológico do sucedâneo de caviar de ovas de truta arco-íris. In: XXIII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2012, Campinas. XXIII Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2012.

10.
Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; CASARINI, L. M. . Rede QUALIPESCADO. In: III Conferência Nacional sobre Defesa Agropecuária, 2012, Salvador. III Conferência Nacional sobre Defesa Agropecuária, 2012.

11.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; TAKARASHI, N. ; CASARINI, L. M. ; Rigolino, M. G. ; NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. ; HENRIQUES, M. B. . TECNOLOGIA E VIABILIDADE ECONÔMICA DO SUCEDÂNEO DE CAVIAR DE OVAS DE TRUTA ARCO-ÍRIS. In: VI SICIP (6º SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA) e III EPgIP (3º ENCONTRO DE PÓS-GRADUANDOS DO INSTITUTO DE PESCA), 2011. VI SICIP (6º SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA) e III EPgIP (3º ENCONTRO DE PÓS-GRADUANDOS DO INSTITUTO DE PESCA).

12.
FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Uso do ozônio na água de processamento do pescado. In: II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010, Aracaju. II Simpósio em Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2010.

13.
GOMES, C. M. M. ; MATSUDA, C. S. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; NEIVA, C. . ?Avaliação do teor de líquido perdido por degelo em pescado congelado (Dripping-test)?. In: V Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP), 2010. V Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP), 2010.

14.
ARRUDA, A. C. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. ; Tomita, R. Y. . ?Efeito do ozônio sobre a qualidade do pescado resfriado?. In: V Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP), 2010. V Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP), 2010.

15.
LEMOS NETO, M. J. ; Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; LANDGRAF, M. . ?Determination of As, Se and Zn in octopus samples by instrumental nêutron activation analysis?. In: XI Congresso Brasileiro de Ecotoxicologia, 2010, Bombinhas. XI Congresso Brasileiro de Ecotoxicologia, 2010.

16.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. ; TAKARASHI, N. ; LEMOS NETO, M. J. ; CASARINI, L. M. ; PASSOS, E. C. ; SANTOS, A. L. B. ; RAMOS, A. A. . ?Resultados preliminares do desenvolvimento de sucedâneo de caviar com ovas de truta arco-íris salmonada?. In: ?16ª Reunião da Rede Pan-Americana de Inspeção, Controle de Qualidade e Tecnologia de Produtos Pesqueiros? e ?4º SIMCOPE?, 2010. ?16ª Reunião da Rede Pan-Americana de Inspeção, Controle de Qualidade e Tecnologia de Produtos Pesqueiros? e ?4º SIMCOPE?, 2010.

17.
MACHADO, T. M.; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. . AVALIAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DE PESCADA GOETE (MACRODON ANCYLODON) SUBMETIDA À SANITIZAÇÃO COM OZÔNIO. In: REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009, SÃO PAULO. REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009.

18.
NEIVA, C. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . AVALIAÇÃO DA EFICIÊNCIA DA LAVAGEM NA DIMINUIÇÃO DA CARGA MICROBIANA DA PESCADA GOETE INTEIRA. In: REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009, SÃO PAULO. REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009.

19.
Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . EFEITO DO OZÔNIO NO CONTROLE MICROBIOLÓGICO EM FILÉ DE PESCADO CONGELADO. In: REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009, SÃO pAULO. REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009.

20.
DOURADO, P.C. ; WRIGHT, G.C.H. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. . DESENVOLVIMENTO DE BISCOITO DE PEIXE: ACEITABILIDADE E VIABILIDADE ECONÔMICA. In: REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009, sÃO pAULO. REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009.

21.
FEREIRA PINTO, F. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . Qualidade físico-química do pescado congelado. In: REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009, São Paulo. REUNIÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA, 2009.

22.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . El papel que desempeña la mujer en la investigación en le sector pesquero brasileño. In: Tercera Reunión de Puntos Focales de la Red Latinoamericana de las Mujeres del sector pesquero-acuícola, 2009, Fortaleza. Tercera Reunión de Puntos Focales de la Red Latinoamericana de las Mujeres del sector pesquero-acuícola, 2009.

23.
DIAS, R.S. ; SIMOES, V.S. ; FEREIRA PINTO, F. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. . Avaliação de contaminação no estuário de Itanhaém, SP, Brasil, com ênfase na toxidade da água e sedmento. In: Reunião científica do Instituto de Pesca, 2009, São Paulo. Reunião científica do Instituto de Pesca, 2009.

24.
PINTO, F. F. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. . Avaliação do rendimento da carne mecanicamente separada obtida de peixes. In: III Congresso Brasileiro de Oceanografia e I Congresso Ibero-Americano de Oceanografia, 2008, Fortaleza. III Congresso Brasileiro de Oceanografia e I Congresso Ibero-Americano de Oceanografia, 2008.

25.
PEREZ, A. C. A. ; Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. . Pescado comercializado na Baixada Santista: Aspectos Parasitológicos.. In: 34º COMBRAVET, 2007, Santos. 34º COMBRAVET, 2007.

26.
FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. . Qualidade Higiênico-Sanitária do Pescado resfriado comercializado em Supermercados da Baixada Santista.. In: 7º Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos, 2007, Campinas. 7º Simpósio Latino Americano de Ciência de Alimentos, 2007.

Apresentações de Trabalho
1.
MACHADO, T. M.. Tecnologias tradicionais e inovações em processamento de pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
MACHADO, T. M.. Análise de mercado para o pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MACHADO, T. M.. Workshop: processamento de pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
MACHADO, T. M.. Cuidados necessário no processamento de pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
MACHADO, T. M.. Prática: visita à Planta de Processamento de Pescado do Instituto de Pesca. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
MACHADO, T. M.. Pré-requisitos para Unidades de Processamento de Pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
MACHADO, T. M.. Capacitação em abate, processamento e comercialização de pescado. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
MACHADO, T. M.. Tecnologia de Processamento de sucedâneo de caviar de ovas de truta arco-íris. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
MONTEIRO, J. C. ; GELLI, V. C. ; MACHADO, T. M. ; Neiva, C. R. P. . Resultados preliminares do uso de farinha de algas marinhas e seu efeito na textura de produtos à base de CMS de pescado. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . Estudo do investimento necessário para produção da Carne Mecanicamente Separada ? CMS de pescado.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
CATAPRETA, L. C. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. . Caracterização do resíduo de pescado produzido no Mercado de Peixe da cidade de Santos, SP-Brasil.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
SANTOS, P. ; SATO, L. ; HERRERA, L. ; SILVA, F. C. ; BORGES, J. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; SANCHES, E. G. . Estudo do trato intestinal do bijupirá (Rachycentron canadum) submetido à dietas de resíduos de salga de sardinha.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
FURLAN, E. F. ; HERRERA, L. ; SATO, L. ; SILVA, F. C. ; MACHADO, T. M. ; SANCHES, E. G. . - Zootechnical Performance of cobia (Rachycentron canadum) submitted to diets based on residue of the fermented sardine. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
HERRERA, L. ; SANTOS, P. ; SATO, L. ; SILVA, F. C. ; BORGES, J. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; SANCHES, E. G. . Utilização de resíduos de salga de sardinha no desempenho zootécnico do bijupirá (Rachycentron canadum). 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

15.
MACHADO, T. M.. Introdução à Ciência e Tecnologia do Pescado. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
MACHADO, T. M.. Métodos de abate e tecnologias de processamento visando o aproveitamento integral da truta. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
MACHADO, T. M.. Estudo da viabilidade econômica da produção da Carne Mecanicamente Separada (CMS) de pescado. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
MACHADO, T. M.. Tecnologia de Produção. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
MACHADO, T. M.. Inovação tecnológica do pescado. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; TAKARASHI, N. ; CASARINI, L. M. ; Rigolino, M. G. ; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. ; HENRIQUES, M. B. . Tecnologia e viabilidade econômica do sucedâneo de caviar de ovas de truta arco-íris. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

21.
FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Uso do ozônio na água de processamento do pescado.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

22.
Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. . Formação de uma Rede de Suporte no Controle da Qualidade do Pescado.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
GOMES, C. M. M. ; MACHADO, T. M. ; Neiva, C. R. P. ; MATSUDA, C. S. ; CASARINI, L. M. . Avaliação do teor de líquido perdido por degelo em pescado congelado (Dripping test). 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

24.
GOMES, C. M. M. ; MATSUDA, C. S. ; MACHADO, T. M. ; CASARINI, L. M. ; Neiva, C. R. P. . Comparação de metodologias investigatórias do volume de glaciamento praticado no pescado comercial. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

25.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. ; TAKARASHI, N. ; LEMOS NETO, M. J. ; CASARINI, L. M. ; PASSOS, E. C. . Resultados preliminares do desenvolvimento de sucedâneo de caviar com ovas de truta arco-íris salmonada. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

26.
MACHADO, T. M.. Introdução à análise-sensorial do pescado: conceitos sobre os atributos de frescor e qualidade do pescado e terminologias utilizadas para o pescado descongelado conforme as normas do RIISPOA, e CODEX ALIMENTÁRIUS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
PEREZ, A. C. A. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . ?Pescado marinho resfriado comercializado em supermercados da Baixada Santista, São Paulo?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

28.
Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . ?Experiência bem sucedida: Segurança alimentar do pescado: a importância de parceria de órgãos ambientais, gestores e a pesquisa científica?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

29.
MACHADO, T. M.; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. . Avaliação físico-química de pescada goete (Macrodon ancylodon) submetidas à sanitização com ozônio.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

30.
DOURADO, P.C. ; WRIGHT, G.C.H. ; MACHADO, T. M. . Desenvolvimento de biscoito de peixe: aceitabilidade e viabilidade.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

31.
DIAS, R.S. ; SIMOES, V.S. ; FEREIRA PINTO, F. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. . Avaliação de contaminação no estuário do rio Itanhaém, SP, Brasil, com ênfase na toxidade da água e sedmento.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

32.
Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . Avaliação da eficiência da lavagem na diminuição da carga microbiana de pescada goete inteira.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

33.
Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . Efeito do ozônio no controle microbiológico em filé de pescado resfriado. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

34.
FEREIRA PINTO, F. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . Qualidade físico-química de pescado congelado.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

35.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; CASARINI, L. M. . Práticas higiênico-sanitárias na pesca artesanal de Itanhaém/SP: da captura à comercialização.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

36.
CASARINI, L. M. ; MOTTA, N. S. ; ANTUNES, C. B. ; MACHADO, T. M. . Comparações entre instrumentos de bordo utilizados na pesquisa pesqueira marinha.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

37.
PEREZ, A. C. A. ; LIUSON, E. ; ISHIKAWA, R. T. ; OKUMURA, M. P. M. ; ORISAKA, F. M. ; MACHADO, T. M. ; RODRIGUES, M. V. . Bacalhau da Noruega altamente infestado por anisaquídeos comercializados no Brasil: um problema de saúde pública.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

38.
PINTO, F. F. ; RODRIGUES, N. M. DE P. ; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. . Avaliação do rendimento da carne mecanicamente separada obtida de peixes. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

39.
NEIVA, C. ; BASTOS, D. H. M ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . Desenvolvimento de Produtos a Base de Pescado Desidratado: Processamento, Valor Nutricional e Aceitabilidade. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

40.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Diagnóstico Higiênico-Sanitário da Pesca Artesanal de São Vicente - SP. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

41.
NEIVA, C. ; BASTOS, D. H. M ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; CASARINI, L. M. ; FARIA, M. D. T. M . Efeito da fritura e do microondas na expansão de biscoito de peixe. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

42.
PEREZ, A. C. A. ; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. ; OKUMURA, ; RODRIGUES, M. V. . Eficácia da análise sensorial na qualidade do pescado relacionado a aspectos parasitológicos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

43.
FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. ; CORREIA, L. Z. C. ; COSTA, E. C. M. . Parâmetros físico-químicos de peixes da família Scianidae como indicadores da qualidade. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

44.
NEIVA, C. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; FARIA, M. D. T. M ; BASTOS, D. H. M . Efeito da fritura e do cozimento em microondas sobre a composição e expanção de biscoito de peixe. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

45.
PINTO, F. F. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . Análise físico-química de polvo (Octopus sp) utilizando-se diferentes metodologias. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

46.
FARIA, M. D. T. M ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; BASTOS, D. H. M . Efeito da fritura e do cozimento em microondas sobre a composição e a expansão de biscoito de peixe. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

47.
RODRIGUES, N. M. DE P. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; FARIA, M. D. T. M ; PINTO, F. F. . Avaliação do rendimento da carne mecanicamente separada obtida de aparas de peixes. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

48.
LEMOS NETO, M. J. ; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. . ?Aspectos microbiológicos de polvo (Octopus sp) comercializado na Baixada Santista?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

49.
PEREZ, A. C. A. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. . Pescado comercializado na Baixada Santista: aspectos parasitológicos. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

50.
FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; NEIVA, C. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. ; MANTOVANI, D. M. B ; MORGANO, M. A ; SILVEIRA, N. F. A . Qualidade Higiênico-Sanitária do pescado resfriado comercializado em supermercados da Baixada Santista. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

51.
Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. ; MACHADO, T. M. . ?Produção de lotes monossexos femininos triplóides de truta arco-íris, O. mykiss (Pisces, Salmonidae). 1995. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

52.
Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. ; MACHADO, T. M. . Painel ?Fecundação Artificial da truta arco-íris (O. mykiss). 1995. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Outras produções bibliográficas
1.
MACHADO, T. M.. Silagem Biológica como aproveitamento racional de resíduos do pescado 2010 (Boletim Técnico).

2.
Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . O mercado de pescado da Região Metropolitana de São Paulo. Montevideo - Uruguay: INFOPESCA - FAO, 2010 (Boletim Técnico).

3.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . Manejo Reprodutivo da truta arco-íris (O. mykiss) 2007 (Boletim Técnico).

4.
PEREZ, A. C. A. ; Avdalov, N. ; MACHADO, T. M. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; LOPES, R. G. . Procedimentos Higiênico-sanitários para a Indústria e Inspetores de Pescado - recomendações 2007 (Boletim Técnico).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. . Implantação de Unidade de Beneficiamento de pescado em Itanhaém - SP. 2013.

2.
MACHADO, T. M.. Requisitos técnicos de uma Planta de Processamento de mariscos. 2012.

3.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . Grupo de Trabalho ?Avaliação de diferentes formulações de bastonetes de surimi sabor caranguejo?. 2011.

4.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . Agroindústria de descasque de camarão sete-barbas no município de Peruíbe/SP. 2010.

5.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Projeto CIPAR - Guarujá/SP. 2010.

6.
Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. . ?Estudo de Mercado e Produtos Pesqueiros da região metropolitana de São Paulo?. 2010.

7.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Processo SAA nº 17203/2010 - Prefeitura Municipal de Anhembi/SP. 2010.

8.
Tomita, R. Y. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; MACHADO, T. M. . Grupo de Trabalho RTIQ - RIISPOA - MAPA. 2010.

9.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. . Grupo de Trabalho: glaciamento em pescado adquirido pela Penitenciária ?Dr. Geraldo de Andrade Vieira?. 2010.

10.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . Grupo de trabalho SEPROR Amazonas. 2010.

11.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . Grupo de trabalho Técnicas de congelamento de pescado. 2010.

12.
MACHADO, T. M.. Grupo de trabalho Câmara de Exportação Brasil - Uruguai. 2010.

13.
MACHADO, T. M.; PEREZ, A. C. A. . Grupos de Ação, Pesquisa e Saúde (Compostos por representantes da Vigilância Sanitária, IP/Unidade Laboratorial de Referência em Tecnologia do Pescado, ITAL, CETESB, Adolfo Lutz, Uni Santos e IBAMA). 2010.

14.
Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. ; CERQUEIRA, M.A.S. ; MIURA, M. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . ?Estudo de Mercado e Produtos Pesqueiros da região metropolitana de São Paulo?. 2010.

15.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . AQUIVALE ? Associação de Aquicultores do Vale do Ribeira.. 2009.

16.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . Transporte de pescado congelado: legislação. 2009.

17.
MACHADO, T. M.; Tomita, R. Y. . Oficina: Qualidade do Pescado. 2009.

18.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. . Diagnóstico do perfil dos profissionais da pesca de São Vicente. 2008.

19.
FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. ; Tomita, R. Y. . Diagnóstico do perfil dos profissionais da pesca de Itanhaém. 2008.

20.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . AQUIVALE ? Associação de Aquicultores do Vale do Ribeira. 2008.

21.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . Resposta ao Ofício PJC nº 1905/08. 2008.

22.
Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; PEREZ, A. C. A. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. . Elaboração de saborizante em pó à base de camarão. 2007.

23.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . AQUAMAR ? Associação de Aquicultores de Monte Aprazível.. 2007.

Trabalhos técnicos
1.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Comissão Técnica SIF. 2009.

2.
Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; LEMOS NETO, M. J. . Comissão Técnica qualidade Laboratorial. 2009.

3.
PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. . Comissão técnica para perícia parasitológica. 2008.

4.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; PEREZ, A. C. A. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. . Grupo de trabalho Pescado Congelado: INQUÉRITO CIVIL nº 14.161.793/08. 2008.


Demais tipos de produção técnica
1.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . Introdução à Tecnologia do Pescado: Tecnologias tradicionais. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

2.
MACHADO, T. M.. Métodos de abate e tecnologias de processamento visando o aproveitamento integral da truta.. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
MACHADO, T. M.. Tecnologia de Processamento. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

4.
MACHADO, T. M.. Estudo da viabilidade econômica da produção da Carne Mecanicamente Separada (CMS) de pescado. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
MACHADO, T. M.. Manejo reprodutivo da truta arco-íris. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

6.
MACHADO, T. M.. Estudo da viabilidade econômica da produção de carne mecanicamente separada (CMS) de pescado. 2012. .

7.
Tabata, Y. A. ; MACHADO, T. M. ; Rigolino, M. G. ; TAKARASHI, N. . Boas práticas na truticultura. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - ManualTécnico).

8.
MACHADO, T. M.. Processamento de produtos pesqueiros. 2011. .

9.
MACHADO, T. M.. Tecnologias de agregação de valor ao pescado. 2011. .

10.
MACHADO, T. M.. Truticultura. 2011. .

11.
MACHADO, T. M.. Inovação tecnológica do pescado. 2011. .

12.
MACHADO, T. M.. Agregando valor ao pescado. 2011. .

13.
MACHADO, T. M.. Abate, tecnologias de processamento e tratamento de resíduos. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

14.
Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . O mercado de produtos pesqueiros de São Paulo. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

15.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. . IV SIMCOPE e 16 Reunião da REDEPAN. 2010. (Confecção de folder).

16.
MACHADO, T. M.. ?Tecnologias de Processamento do Pescado?. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

17.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . Qualidade do pescado embarcado. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

18.
MACHADO, T. M.; Tomita, R. Y. . Tecnologias para manutenção ds qualidade do pescado e agregação de valor ao pescado. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

19.
MACHADO, T. M.. Introdução à análise sensorial do pescado: conceitos sobre os atributos de frescor e qualidade do pescado e terminologias utilizadas para o pescado resfriado e congelado conforme normas do RIISPOA, CÓDEX ALIMENTARIUS e Regulamento da C.E. nº 2406/96. 2009. .

20.
MACHADO, T. M.. Agregação de valor em processos tecnológicos. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

21.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. . El papel que desempeña la mujer en la investigación en el sector pesquero brasileño. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

22.
MACHADO, T. M.. Estrutura mínima de Processamento de Pescado. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

23.
MACHADO, T. M.. Qualidade do Pescado e Inovações Tecnológicas. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

24.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. . Resultados do estudo: Diagnóstico do perfil dos profissionais da pesca de São Vicente. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

25.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. . Manipulação e conservação do pescado. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

26.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; PEREZ, A. C. A. ; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . Capacitación de pescadores artesanales: una herramienta para el aseguramiento de la calidad del pescado. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

27.
MACHADO, T. M.. ?Estrutura e funcionamento da Unidade Laboratorial de Referência em Tecnologia do Pescado - ULRTP?. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

28.
MACHADO, T. M.. ?Recursos Tecnológicos para aumentar o Shelf-life do pescado?. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

29.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. . III SIMCOPE - Simpósio de Controle do Pescado. 2008. (Confecção de folder).

30.
MACHADO, T. M.. Processamento do Pescado. 2007. .

31.
MACHADO, T. M.. ?Tecnologia do Pescado ? Introdução ao Controle de Qualidade?. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

32.
Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. ; LEMOS NETO, M. J. . ?IV Workshop: Qualidade do Pescado?. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

33.
MACHADO, T. M.. Tecnologia do Pescado: Introdução ao controle de qualidade. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

34.
MACHADO, T. M.. Tecnologia do Pescado: Módulo de salga e defumação. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

35.
MACHADO, T. M.. Tecnologia do Pescado: Módulo de salga e defumação. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

36.
MACHADO, T. M.. Tecnologia do Pescado: Módulo de salga e defumação. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

37.
MACHADO, T. M.. Tecnologia do Pescado: Módulo de salga e defumação. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

38.
MACHADO, T. M.. Tecnologia do Pescado: Módulo de salga e defumação. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

39.
MACHADO, T. M.. Tecnologia do Pescado: Módulo de salga e defumação. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

40.
MACHADO, T. M.. Utilização de resíduos provenientes do abate. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

41.
PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. ; Avdalov, N. ; LOPES, R. G. . Procedimentos Higiênico-Sanitários para a Indústria e Inspetores de pescado: Recomendações. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual Técnico).

42.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. ; PEREZ, A. C. A. . Laboratório de Tecnologia do Pescado. 2007. (Confecção de folder institucional).

43.
MACHADO, T. M.. Tecnologia de Processamento de Pescado. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

44.
MACHADO, T. M.. : ?Piscicultura Básica?. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

45.
MACHADO, T. M.. ?Processamento de Pescado de água doce?. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

46.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

47.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

48.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

49.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2002. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

50.
MACHADO, T. M.. ?Processamento de Pescado?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

51.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

52.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

53.
MACHADO, T. M.. ?Processamento de Pescado de água doce?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

54.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

55.
MACHADO, T. M.. ?Processamento de Pescado de água doce?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

56.
MACHADO, T. M.. : ?Piscicultura Básica?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

57.
MACHADO, T. M.. ?Processamento de Pescado de água doce?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

58.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

59.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Tropical?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

60.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

61.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

62.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

63.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

64.
MACHADO, T. M.. : ?Manejo Reprodutivo da truta arco-íris?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

65.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura Básica?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

66.
MACHADO, T. M.. ?Cultivo de trutas?. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

67.
MACHADO, T. M.. ?Técnicas de Processamento de Pescado?. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

68.
MACHADO, T. M.. ?Tecnologia de Processamento de Pescado? ? Seminário de Capacitação de novos agentes na área de pescado.. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

69.
MACHADO, T. M.. ?1o Curso sobre Tecnologia de Processamento de Pescado de Água Doce?. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

70.
MACHADO, T. M.. ?Curso sobre Tecnologia de Processamento de Peixe de Água Doce?. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

71.
MACHADO, T. M.. ?Reprodução: manejo de reprodutores, fecundação artificial e incubação?. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

72.
MACHADO, T. M.. ?Manipulação pós-tanque: beneficiamento do pescado?. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

73.
MACHADO, T. M.. ?Proceso de producción? y ?Aspectos Tecnológicos, sanitários y comerciales?. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

74.
MACHADO, T. M.. ?Processamento de pescados: Silagem de peixe?. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

75.
MACHADO, T. M.. ?Manejo da reprodução?. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

76.
MACHADO, T. M.. ?Manipulação pós-tanque?. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

77.
MACHADO, T. M.. ?A truticultura no Brasil?. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

78.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . ?Produção e controle de alevinos de truta, Notificação de doenças de truta e Pesque-Pagues de truta?. 1997. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

79.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . ?Abate, manuseio, Conservação, consumo e outros produtos derivados da truta?. 1997. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

80.
MACHADO, T. M.. ?Alternativas de exploração zootécnica: Truticultura e Salmonicultura?. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

81.
MACHADO, T. M.. ?Um retorno ao básico: a desova de trutas?. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

82.
MACHADO, T. M.. ?Aula sobre desova da truta arco-íris?. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

83.
MACHADO, T. M.. ?Exigências ambientais e qualidade da água para a criação de truta arco-íris, Oncorhynchus mykiss?. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

84.
MACHADO, T. M.. ?Truticultura?. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

85.
MACHADO, T. M.. ?Aula teórica e prática sobre manejo reprodutivo da truta arco-íris, Oncorhynchus mykiss?. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

86.
MACHADO, T. M.. ?Técnicas empregadas no manejo reprodutivo da truta arco-íris (O. mykiss)?. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

87.
MACHADO, T. M.. ?Cultivo de truta?. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

88.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . : ?VII Curso sobre criação de trutas?. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

89.
MACHADO, T. M.. ?Piscicultura: criação de trutas?. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

90.
MACHADO, T. M.. "Características físicas e químicas da água para o cultivo da truta arco-íris, Oncorhynchus mykiss". 1994. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

91.
MACHADO, T. M.. "Instalações, manejo reprodutivo, nutricional e sanitário da truta arco-íris, Oncorhynchus mykiss". 1994. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

92.
MACHADO, T. M.. "Técnicas empregadas no manejo reprodutivo da truta arco-íris, Oncorhynchus mykiss". 1994. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

93.
MACHADO, T. M.. "Truticultura". 1994. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

94.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . : ?VIII Encontro de Salmonicultores?. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

95.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . ?VI Curso sobre criação de trutas?. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

96.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . "Características Físicas e Químicas da Água para a Criação da Truta Arco-íris, Oncorhynchus mykiss". 1993. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

97.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . "Técnicas de Cultivo da Truta Arco-íris, Oncorhynchus mykiss?. 1993. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

98.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; Rigolino, M. G. . "Truticultura". 1993. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

99.
MACHADO, T. M.. "Manejo Reprodutivo em Truticultura". 1993. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P.; CUNHA, M. G.; QUINONES, E. M.. Participação em banca de Rafaela Isadora de Noffri.Utilização de enzima transglutaminase na elaboração de medalhões de aparas e CMS de tilápia. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Alimentos) - Universidade Metropolitana de Santos.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
Tabata, Y. A.; Rigolino, M. G.; MACHADO, T. M.. Concurso Público para provimento de cargos da Carreira de Apoio à Pesquisa Científica e Tecnológica.. 1994. Instituto de Pesca.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
AGRIFUTURA. Stande com inovaçãoes tecnológicas do IP. 2017. (Feira).

2.
Encontro Técnico Regional de Piscicultura.Tecnologias de processamento de pescado. 2017. (Encontro).

3.
I Workshop: Aquicultura Continental e Marinha - caminhos para o consumo responsável.I Workshop: Aquicultura Continental e Marinha - caminhos para o consumo responsável. 2017. (Outra).

4.
Workshop Piscicultura Pontal do Paranapanema.Requisitos para estrutura de processamento de pescado. 2017. (Outra).

5.
XII Reunião Científica do Instituto de Pesca (12º ReCIP).Tecnologias tradicionais e inovações em processamento de pescado. 2017. (Outra).

6.
VII SIMCOPE.ALMÔNDEGA DE CARNE MECANICAMENTE SEPARADA - CMS DE PESCADO PREPARADA COM FARINHA DE ALGA MARINHA (Kappaphycus alvarezii) COMO ALTERNATIVA AO USO DE CARRAGENA COMERCIAL. 2016. (Simpósio).

7.
Aquacultere Europe 2014 - International Conference & Exposition. Zootechnical Performance of cobia (Rachycentron canadum) submitted to diets based on residue of the fermented sardine. 2014. (Congresso).

8.
IX Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP) e V Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Pesca (EpgIP).Resultados preliminares do uso de farinha de algas marinhas e seu efeito na textura de produtos à base de CMS de pescado. 2014. (Seminário).

9.
VI SIMCOPE ? Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado?.Estudo de mercado do sucedâneo de caviar da truta arco-íris no município de Campos do Jordão ? SP. 2014. (Simpósio).

10.
Curso teórico-prático sobre truticultura.Métodos de abate e tecnologias de processamento visando o aproveitamento integral da truta. 2013. (Outra).

11.
VIII Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca ? 8ª SICIP.Resultados preliminares do uso de farinha de algas marinhas e seu efeito na textura de produtos à base de CMS de pescado. 2013. (Seminário).

12.
38º COMBRAVET. Mesa redonda: inovação tecnológica do pescado. 2011. (Congresso).

13.
38º Congresso Brasileiro de Medicina Veterinária - CONBRAVET. Inovação Tecnológica em pescado. 2011. (Congresso).

14.
Congresso das especialidades- COMPAVET. Agregando valor ao pescado. 2011. (Congresso).

15.
Estratégias preventivas em peixes cultivados no sul da Espanha. 2011. (Outra).

16.
II SIMPESP.Truticultura. 2011. (Simpósio).

17.
II SIMPESP - Simpósio sobre pescado em São Paulo.Tecnologias de agregação de valor ao pescado. 2011. (Simpósio).

18.
I Seminário Paulista de Higiene e Tecnologia do Pescado.Processamento de produtos pesqueiros. 2011. (Seminário).

19.
IV Workshop da Rede de Controle da Qualidade do Pescado ? Rede Qualipescado. 2011. (Outra).

20.
VI SICIP (6º SEMINÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO INSTITUTO DE PESCA) e III EPgIP (3º ENCONTRO DE PÓS-GRADUANDOS DO INSTITUTO DE PESCA).Tecnologia e viabilidade econômica do sucedâneo de caviar de ovas de truta arco-íris. 2011. (Seminário).

21.
16a Reunião da Rede Panamericana de Inspeção, Controle de qualidade e Tecnologia de Produtos Pesqueiros e 4º Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado.O mercado de produtos pesqueiros de São Paulo. 2010. (Simpósio).

22.
III Workshop da Rede de Controle da Qualidade do Pescado ? Rede Qualipescado. 2010. (Outra).

23.
II WORKSHOP: Inclusão do Pescado na Alimentação Escolar. 2010. (Outra).

24.
II Workshop: Treinamento em análise-sensorial de pescado.Introdução à análise-sensorial do pescado: conceitos sobre os atributos de frescor e qualidade do pescado e terminologias utilizadas para o pescado descongelado conforme as normas do RIISPOA, e CODEX ALIMENTÁRIUS. 2010. (Outra).

25.
II Workshop da Rede de Controle da Qualidade do Pescado ? Rede Qualipescado. 2010. (Outra).

26.
V Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP).?Avaliação do teor de líquido perdido por degelo em pescado congelado (Dripping-test)?. 2010. (Seminário).

27.
XI Congresso Brasileiro de Ecotoxicologia. ?Determination of As, Se and Zn in octopus samples by instrumental nêutron activation analysis?. 2010. (Congresso).

28.
9a Feira Internacional de Tecnologia para a Indústria da Carne.Tecnologias de Processamento de Pescado. 2009. (Outra).

29.
I Fórum de Segurança Alimentar x Transgenia. 2009. (Outra).

30.
Interpretação da NBR ISO IEC 17025. 2009. (Outra).

31.
I Seminário de Extensão rural e pesqueira do Litoral Paulista. 2009. (Seminário).

32.
I Workshop - Formação da Rede de Suporte no Controle da qualidade do Pescado - Rede QUALIPESCADO.Mediador: "Definição das metodologias analíticas a serem utilizadas no projeto". 2009. (Outra).

33.
Reunião Científica do Instituto de Pesca.Avaliação da contaminação no estuário do rio Itanhaém, SP, Brasil, com ênfase na toxidade da água e sedmento. 2009. (Outra).

34.
Tercera Reunión de Puntos Focales de la Red Latinoamericana de las Mujeres del sector pesquero-acuícola.el papel que desempeña la mujer en la investigación en el sector pesquero brasileño. 2009. (Outra).

35.
Treinamento em análise-sensorial de pescado.Análise sensorial de pescado. 2009. (Oficina).

36.
Workshop: Inclusão do pescado na Alimentação escolar.Estrutura mínima de processamento de pescado. 2009. (Outra).

37.
XVI CONGRESSO BRASILEIRO DE ENGENHARIA DE PESCA. Práticas higiênico-sanitárias na pesca artesanal de Itanhaém/SP: da captura a comercialização. 2009. (Congresso).

38.
Caravana do Programa Petrobrás Ambiental. 2008. (Oficina).

39.
III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca - SICIP.Análise físico-química de polvo (Octopus sp) utilizando-se diferentes metodologias. 2008. (Seminário).

40.
III SIMCOPE - Simpósio de Controle do Pescado: Segurança Alimentar, Inovação Tecnológica e Mercado.Poster e resumo expandido. 2008. (Simpósio).

41.
MetroAlimentos 2008 - Simpósio de Metrologia para a Gestão da Qualidade dos Alimentos. 2008. (Simpósio).

42.
Reunión Regional de la Red Panamericana de Inspeción, Control de Calidad y Tecnologia de Productos Pesqueros ? Guayaquil ? Ecuador.Capacitación de pescadores artesanales: una herramienta para el aseguramiento de la calidad del pescado. 2008. (Outra).

43.
2º Seminário Saúde e Meio Ambiente na Baixada Santista: problemas e desafios. 2007. (Seminário).

44.
Fórum Nacional da Indústria do Pescado.Caracterização Higiênico Sanitária da cadeia produtiva do pescado marinho comercializado na Baixada Santista. 2007. (Outra).

45.
IV Workshop: Qualidade do Pescado.Caracterização Higiênico-Sanitária da Cadeia Produtiva do Pescado Marinho da Baixada Santista. 2007. (Outra).

46.
Seminário de Aplicação das Ferramentas APPCC, PPHO e BPF. 2007. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MACHADO, T. M.. ?Pescado Sustentável: uma experiência gastronômica?. 2017. (Outro).

2.
MACHADO, T. M.. Exposição de fotos do Projeto ?Mantas do Brasil?. 2017. (Exposição).

3.
MACHADO, T. M.. Lançamento de livros da cronista da Tribuna, Madô Martins, no Museu de Pesca: o infantil "Cidade do Canais", e o de crônicas de Santos "Som das Conchas".. 2017. (Outro).

4.
MACHADO, T. M.. I Workshop de Aquicultura Marinha e Continetal: caminhos para o consumo responsável ? Asian & Sea Food Show. 2017. (Outro).

5.
MACHADO, T. M.. Semana da Criança no Museu de Pesca - Baú de Piratas ? tarde de contação de histórias. 2017. (Outro).

6.
MACHADO, T. M.. Semana da Criança no Museu de Pesca ? brincadeiras com o grupo ?Mantas do Brasil?: boneco de raia, desenhos para colorir, pescaria, oficina de origami.. 2017. (Outro).

7.
MACHADO, T. M.. Diálogos sobre a Segurança Alimentar: Aquicultura. 2017. (Outro).

8.
MACHADO, T. M.. Exposição de fósseis de peixes no Museu de Pesca. 2017. (Exposição).

9.
MACHADO, T. M.. Exposição de seixos (fragmento de mineral ou de rocha) do mundo no Museu de Pesca. 2017. (Exposição).

10.
MACHADO, T. M.. 14º Semana do Peixe. 2017. (Outro).

11.
MACHADO, T. M.. Exposição do acervo do Museu de Pesca no estande do IP e CODEAGRO ? Dia das Crianças - Parque da Água Branca/SP. 2017. (Exposição).

12.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; TOMITA, R. Y. . VII SIMCOPE ? Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado. 2016. (Congresso).

13.
MACHADO, T. M.. Curso preparatório teórico e prático de Taxidermia. 2016. (Outro).

14.
MACHADO, T. M.. Semana Nacional de Museus ? sob o Tema: Museus e Paisagens Culturais. 2016. (Exposição).

15.
MACHADO, T. M.. 13º Semana do Peixe. 2016. (Outro).

16.
MACHADO, T. M.. 14ª Semana Nacional de Museus. 2016. (Exposição).

17.
MACHADO, T. M.. Semana do Pescador. 2016. (Exposição).

18.
MACHADO, T. M.. 1ª Oficina de arte para crianças. 2016. (Outro).

19.
MACHADO, T. M.. 2ª Oficina de arte para crianças. 2016. (Outro).

20.
MACHADO, T. M.. ?Trupe do Capitão ? BIOPESCA?. 2016. (Exposição).

21.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . VI SIMCOPE ? Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado. 2014. (Congresso).

22.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . V Encontro de Tecnólogos. 2014. (Outro).

23.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. . Curso teórico-prático sobre truticultura. 2013. (Outro).

24.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . V SIMCOPE - Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado. 2012. (Congresso).

25.
MACHADO, T. M.. I WORKSHOP: treinamento em análise sensorial de pescado - Projeto sucedâneo de caviar de ovas de truta. 2011. (Outro).

26.
MACHADO, T. M.; PEREZ, A. C. A. . I Seminário Paulista de Higiene e Tecnologia do Pescado. 2011. (Outro).

27.
MACHADO, T. M.. Mesa redonda: Buscando soluções para a melhoria da qualidade do pescado. 2011. (Outro).

28.
MACHADO, T. M.; LEMOS NETO, M. J. ; NEIVA, C. . Condução de análise sensorial de sucedâneo de caviar de ovas de truta arco-íris. 2011. (Outro).

29.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; TAKARASHI, N. ; Rigolino, M. G. . Condução de análise sensorial de sucedâneo de caviar de ovas salmonadas de truta arco-íris. 2011. (Outro).

30.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; Tomita, R. Y. . II WORKSHOP: inclusão do pescado na alimentação escolar.. 2010. (Outro).

31.
Neiva, C. R. P. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; LEMOS NETO, M. J. ; FURLAN, E. F. . IV SINCOPE e ?REUNIÓN REGIONAL DE LA RED PANAMERICANA DE INSPECIÓN, CONTROL DE CALIDAD Y TECNOLOGIA DE PRODUCTOS PESQUEROS?. 2010. (Congresso).

32.
MACHADO, T. M.. II Workshop: Treinamento em análise sensorial de pescado. 2010. (Outro).

33.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; Tomita, R. Y. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. . ?Workshop projeto MAPA/CNPq?. 2009. (Outro).

34.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . Workshop: Inclusão do Pescado na Alimentação Escolar. 2009. (Outro).

35.
MACHADO, T. M.. Treinamento em análise sensorial. 2009. (Outro).

36.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; TAKARASHI, N. ; BADARO, C. . III Seminário de Iniciação Científica do Instituto de Pesca (SICIP). 2008. (Outro).

37.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. . III SINCOPE - Simpósio de Controle do Pescado. 2008. (Outro).

38.
MACHADO, T. M.; SANCHES, E. G. ; SIMOES, A. C. . SEAFOOD 2007 - Expo Latin América - Feira Internacional de Pescado, frutos do mar e Tecnologia para a Indústria da Aquicultura e Pesca. 2007. (Exposição).

39.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; NEIVA, C. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. . IV Workshop de Tecnologia do Pescado. 2007. (Outro).

40.
NEIVA, C. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; PEREZ, A. C. A. ; Tomita, R. Y. . Workshop sobre perspectivas do segmento produtivo na área de pesquisa em Estatística Pequeira e Qualidade do Pescado. 2007. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Rafaela Isadora de Noffri. Utilização de enzima transglutaminase na elaboração de medalhões de aparas e CMS de tilápia. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia de Alimentos) - Universidade Metropolitana de Santos. Orientador: Thais Moron Machado.

2.
Raquel Henriques Cavaca. Procedimentos para obtenção do Serviço de Inspeção Federal -SIF na Estrutura de Processamento da ULRTP - Instituto de Pesca - SP. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Metropolitana de Santos. Orientador: Thais Moron Machado.

3.
Juleana Lemos Borges. Procedimentos para obtenção do Serviço de Inspeção Federal -SIF na Estrutura de Processamento da ULRTP - Instituto de Pesca - SP. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Metropolitana de Santos. Orientador: Thais Moron Machado.

4.
Eduardo Molina. AVALIAÇÃO DA VIABILIDADE DE IMPLEMENTAÇÃO DE BOLSA DE RESÍDUOS NAS UNIDADES BENEFICIADORAS DE CAMARÃO NA PRAIA DO PEREQUÊ ? GUARUJÁ / SP.. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Metropolitana de Santos. Orientador: Thais Moron Machado.

Orientações de outra natureza
1.
Natália Sayuri Yamamoto. Tecnologia de Processamento de Pescado. 2008. Orientação de outra natureza. (Biologia Marinha) - Universidade Santa Cecília. Orientador: Thais Moron Machado.

2.
Natália Perez Broadbent Hoyer. Tecnologia de Processamento de Pescado. 2007. Orientação de outra natureza. (Engenharia de Alimentos) - Universidade Metropolitana de Santos. Orientador: Thais Moron Machado.

3.
IRAMAIA MUNIZ BASSOI. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Thais Moron Machado.

4.
DANIELA DAHER ZACHARIAS. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Thais Moron Machado.

5.
RICARDO FRANKLIN DE MELLO. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP. Orientador: Thais Moron Machado.

6.
MÔNICA ACCAUI MARCONDES DE MOURA. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Thais Moron Machado.

7.
RENATA YURI FUJINO. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - USP Campus de Pirassununga. Orientador: Thais Moron Machado.

8.
NELSON TOMOHINO TAMASHIRO. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Medicina Veterinária) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Thais Moron Machado.

9.
GLÁUCIO NOGUEIRA TOYAMA. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP. Orientador: Thais Moron Machado.

10.
ROSANA SIERRA PULIDO. Salmonicultura. 1995. Orientação de outra natureza. (Engenharia de Pesca) - Universidade Federal Rural de Pernambuco. Orientador: Thais Moron Machado.

11.
TITO LÍVIO BONFIM SARAIVA. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Engenharia de Pesca) - Universidade Federal Rural de Pernambuco. Orientador: Thais Moron Machado.

12.
EMERSON MITSURU NISHITANI. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade de São Paulo. Orientador: Thais Moron Machado.

13.
FABIANO VIANI FARACCO. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Faculdades Santo Amaro. Orientador: Thais Moron Machado.

14.
PAULA SUELI ANDRADE MOREIRA. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Thais Moron Machado.

15.
ALESSANDRO MINILLO. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Oceanologia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Orientador: Thais Moron Machado.

16.
GIANFRANCO IMPERATRIZ MARINO. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Medicina Veterinária) - Universidade de São Paulo. Orientador: Thais Moron Machado.

17.
RENATO CLINI CERVI. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Thais Moron Machado.

18.
LUCIANE CONTE. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP. Orientador: Thais Moron Machado.

19.
PAULO GONZALEZ MONTEIRO. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Thais Moron Machado.

20.
ALEX AUGUSTO GONÇALVES. Salmonicultura. 1994. Orientação de outra natureza. (Oceanologia) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Orientador: Thais Moron Machado.

21.
PAULO CÉSAR FALANGHE CARNEIRO. Salmonicultura. 1993. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP. Orientador: Thais Moron Machado.

22.
ALEXANDRE RUSIG. Salmonicultura. 1993. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Estadual Paulista - Campus de Jaboticabal. Orientador: Thais Moron Machado.

23.
ALEXANDRE MAGNO PEDROSO DE MIRANDA. Salmonicultura. 1993. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - Universidade Federal de Lavras. Orientador: Thais Moron Machado.

24.
JOÃO CARLOS SHIMADA BORGES. Salmonicultura. 1993. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Thais Moron Machado.



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
MACHADO, T. M.2010 MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; NEIVA, C. ; PEREZ, A. C. A. ; CASARINI, L. M. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. . FATORES QUE AFETAM A QUALIDADE DO PESCADO NA PESCA ARTESANAL DE MUNICÍPIOS DA COSTA SUL DE SÃO PAULO, BRASIL. Boletim do Instituto de Pesca (Impresso), v. 36, p. 213-223, 2010.

2.
PEREZ, A. C. A.2012PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. ; LOPES, R. G. ; OKUMURA, M. P. M. ; RODRIGUES, M. V. . Aspectos parasitológicos do pescado comercializado na Costa da Mata Atlântica. Higiene Alimentar, v. 26, p. 120-124, 2012.

3.
MACHADO, T. M.1998MACHADO, T. M.. Silagem Biológica de Pescado. Panorama da Aquicultura, v. 8, p. 30-32, 1998.

4.
MACHADO, T. M.2014MACHADO, T. M.. CAVIAR E SUCEDÂNEOS. Infopesca Internacional, v. 57, p. 25-29, 2014.

5.
MACHADO, T. M.2015MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; CASARINI, L. M. ; TAKAHASHI, N. S. ; HENRIQUES, M. B. . ECONOMIC VIABILITY TO PRODUCE CAVIAR SUBSTITUTE USING ROES OF RAINBOW TROUT. Boletim do Instituto de Pesca (Online), v. 47, p. 69-77, 2015.

6.
RODRIGUES, M. V.2015RODRIGUES, M. V. ; PEREZ, A. C. A. ; MACHADO, T. M. ; ORISAKA, F. M. . Research of Ascocotyle (Phagicola) longa in Heat Treated Fillets of Mullet (Mugil platanus).. Fisheries and Aquaculture Journal, v. 6, p. 1, 2015.

7.
MACHADO, T. M.2014MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; NOFFRI, R. I. ; CASARINI, L. M. ; QUINONES, E. M. . UTILIZAÇÃO DA ENZIMA TRANSGLUTAMINASE EM MEDALHÕES DE APARAS E CMS DE ESPINHAÇO DE TILÁPIA. Boletim do Instituto de Pesca (Online), v. 40, p. 617-627, 2014.

8.
NEIVA, C. R. P.2015NEIVA, C. R. P. ; MATSUDA, C. S. ; MACHADO, T. M. ; CASARINI, L. M. ; TOMITA, R. Y. . GLACIAMENTO EM FILÉ DE PEIXE CONGELADO: REVISÃO DOS MÉTODOS PARA DETERMINAÇÃO DE PESO DO PRODUTO. Boletim do Instituto de Pesca (Online), v. 41, p. 899-906, 2015.

9.
MACHADO, T. M.2016MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; TAKAHASHI, N. S. ; CASARINI, L. M. ; NEIVA, C. R. P. ; HENRIQUES, M. B. . Caviar substitute produced from roes of rainbow trout (Oncorhynchus mykiss). Acta Scientiarum. Technology (Online), v. 38, p. 233-240, 2016.

10.
MACHADO, T. M.2017MACHADO, T. M.; COSTA, J. A. ; MOTTA, N. S. ; CASARINI, L. M. . Rock-boring urchin roe from Brazilian subtropical coastal zone for human consumption. ACTA SCIENTIARUM. TECHNOLOGY (ONLINE), v. 39, p. 495-502, 2017.

11.
MACHADO, T. M.2018MACHADO, T. M.; NEIVA, C. R. P. . Pescado na merenda escolar: viabilidade e econômica da implementação de uma unidade de beneficiamiento de pescado - UBP no Municipio de Itanhaém ? SP ? Brasil. INFOPESCA INTERNACIONAL, v. 64, p. 26-32, 2018.

12.
ANBE, L.2015ANBE, L. ; SUCASAS, L. F. de A. ; MACHADO, T. M. ; OETTERER, M. . Importância da Adoção de Programa de Gerência do Resíduo de Processamento da Tilápia. Informações Econômicas (Impresso), v. 45, p. 18-26, 2015.


Livros e capítulos
1.
RAIMUNDO, M. G. M. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; MACHADO, T. M. . Pescado Saúde e Nutrição. 1. ed. São Paulo: , 2014. v. 1. 53p .

2.
MASSARO, M. G. ; Tomita, R. Y. ; NEIVA, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. . Pescado é saúde: uso do frio. 1. ed. , 2016.

3.
MACHADO, T. M.; MASSARO, M. G. ; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; TOMITA, R. Y. . Pescado é saúde: salga, secagem e defumação. 1. ed. , 2017.


Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MACHADO, T. M.. Peixes: saiba como escolher e armazenar. Globo Rural.

2.
MACHADO, T. M.. Quais os cuidados na compra do pescado?. Site institucional do Instituto de Pesca.

3.
MACHADO, T. M.. Caviar pode ficar mais acessível.. Globo Rural.


Apresentações de Trabalho
1.
MACHADO, T. M.; Tabata, Y. A. ; TAKARASHI, N. ; CASARINI, L. M. ; Rigolino, M. G. ; Neiva, C. R. P. ; LEMOS NETO, M. J. ; HENRIQUES, M. B. . Tecnologia e viabilidade econômica do sucedâneo de caviar de ovas de truta arco-íris. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
MONTEIRO, J. C. ; GELLI, V. C. ; MACHADO, T. M. ; Neiva, C. R. P. . Resultados preliminares do uso de farinha de algas marinhas e seu efeito na textura de produtos à base de CMS de pescado. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . Estudo do investimento necessário para produção da Carne Mecanicamente Separada ? CMS de pescado.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
CATAPRETA, L. C. ; FURLAN, E. F. ; MACHADO, T. M. ; NEIVA, C. . Caracterização do resíduo de pescado produzido no Mercado de Peixe da cidade de Santos, SP-Brasil.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
SANTOS, P. ; SATO, L. ; HERRERA, L. ; SILVA, F. C. ; BORGES, J. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; SANCHES, E. G. . Estudo do trato intestinal do bijupirá (Rachycentron canadum) submetido à dietas de resíduos de salga de sardinha.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
FURLAN, E. F. ; HERRERA, L. ; SATO, L. ; SILVA, F. C. ; MACHADO, T. M. ; SANCHES, E. G. . - Zootechnical Performance of cobia (Rachycentron canadum) submitted to diets based on residue of the fermented sardine. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
HERRERA, L. ; SANTOS, P. ; SATO, L. ; SILVA, F. C. ; BORGES, J. ; MACHADO, T. M. ; FURLAN, E. F. ; SANCHES, E. G. . Utilização de resíduos de salga de sardinha no desempenho zootécnico do bijupirá (Rachycentron canadum). 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

8.
MACHADO, T. M.. Tecnologia de Processamento de sucedâneo de caviar de ovas de truta arco-íris. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
MACHADO, T. M.. Capacitação em abate, processamento e comercialização de pescado. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
MACHADO, T. M.. Tecnologias tradicionais e inovações em processamento de pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
MACHADO, T. M.. Análise de mercado para o pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
MACHADO, T. M.. Workshop: processamento de pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
MACHADO, T. M.. Cuidados necessário no processamento de pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
MACHADO, T. M.. Prática: visita à Planta de Processamento de Pescado do Instituto de Pesca. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
MACHADO, T. M.. Pré-requisitos para Unidades de Processamento de Pescado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
MACHADO, T. M.. Processamento de produtos pesqueiros. 2011. .

2.
MACHADO, T. M.. Tecnologias de agregação de valor ao pescado. 2011. .

3.
MACHADO, T. M.. Truticultura. 2011. .

4.
MACHADO, T. M.. Inovação tecnológica do pescado. 2011. .

5.
MACHADO, T. M.. Agregando valor ao pescado. 2011. .

6.
MACHADO, T. M.. Manejo reprodutivo da truta arco-íris. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

7.
MACHADO, T. M.. Estudo da viabilidade econômica da produção de carne mecanicamente separada (CMS) de pescado. 2012. .

8.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . Introdução à Tecnologia do Pescado: Tecnologias tradicionais. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

9.
MACHADO, T. M.. Tecnologia de Processamento. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

10.
MACHADO, T. M.. Estudo da viabilidade econômica da produção da Carne Mecanicamente Separada (CMS) de pescado. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Desenvolvimento de material didático ou instrucional
1.
Tabata, Y. A. ; MACHADO, T. M. ; Rigolino, M. G. ; TAKARASHI, N. . Boas práticas na truticultura. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - ManualTécnico).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MACHADO, T. M.; Neiva, C. R. P. ; FURLAN, E. F. ; LEMOS NETO, M. J. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . V SIMCOPE - Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado. 2012. (Congresso).

2.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. ; FURLAN, E. F. ; Tomita, R. Y. ; PEREZ, A. C. A. . VI SIMCOPE ? Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado. 2014. (Congresso).

3.
MACHADO, T. M.; NEIVA, C. . V Encontro de Tecnólogos. 2014. (Outro).

4.
MACHADO, T. M.; FURLAN, E. F. ; Neiva, C. R. P. ; TOMITA, R. Y. . VII SIMCOPE ? Simpósio de Controle de Qualidade do Pescado. 2016. (Congresso).

5.
MACHADO, T. M.. ?Pescado Sustentável: uma experiência gastronômica?. 2017. (Outro).

6.
MACHADO, T. M.. Exposição de fotos do Projeto ?Mantas do Brasil?. 2017. (Exposição).

7.
MACHADO, T. M.. I Workshop de Aquicultura Marinha e Continetal: caminhos para o consumo responsável ? Asian & Sea Food Show. 2017. (Outro).

8.
MACHADO, T. M.. Diálogos sobre a Segurança Alimentar: Aquicultura. 2017. (Outro).

9.
MACHADO, T. M.. Exposição de fósseis de peixes no Museu de Pesca. 2017. (Exposição).

10.
MACHADO, T. M.. Exposição de seixos (fragmento de mineral ou de rocha) do mundo no Museu de Pesca. 2017. (Exposição).

11.
MACHADO, T. M.. 13º Semana do Peixe. 2016. (Outro).

12.
MACHADO, T. M.. 14º Semana do Peixe. 2017. (Outro).

13.
MACHADO, T. M.. Semana do Pescador. 2016. (Exposição).

14.
MACHADO, T. M.. 2ª Oficina de arte para crianças. 2016. (Outro).



Outras informações relevantes


Participação em grupos de trabalho:
- Grupos de Ação, Pesquisa e Saúde (Compostos por representantes da Vigilância Sanitária, IP/Unidade Laboratorial de Referência em Tecnologia do Pescado, ITAL, CETESB, Adolfo Lutz, Uni Santos e IBAMA).
Objetivos: Baseados nos resultados obtidos nas pesquisas realizadas na Baixada Santista (Relatório do Inquérito Epidemiológico do Estuário de Santos ? São Vicente, e no Projeto de Políticas Públicas da FAPESP realizado na ULRTP, intitulado ?Caracterização higiênico-sanitária da cadeia produtiva do pescado marinho da Baixada Santista), os componentes dos grupos tem por objetivo sugerir propostas de ações efetivas para a solução dos problemas de saúde pública relacionados ao consumo de pescado.
Atividades desenvolvidas: Participação em reuniões visando estabelecer parcerias interinstitucionais necessárias à prevenção de agravos à saúde e promoção de melhoria de qualidade de vida.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 14/11/2018 às 16:17:21