Eliana Isac

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7081593032588607
  • Última atualização do currículo em 14/09/2017


Possui graduação em Farmácia Bioquímica pela Universidade Federal de Goiás (1976) e mestrado em Medicina Tropical pela Universidade Federal de Goiás (1993). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de Goiás. Tem experiência na área de Parasitologia, com ênfase em Helmintologia Humana, atuando principalmente nos seguintes temas: Controle biologico de helmintos com fungos nematófagos. Estudo da cisticercose experimental; bioquimica de helmintos. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Eliana Isac
Nome em citações bibliográficas
ISAC, E.;ISAC, ELIANA

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Goiás, Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.
RUA DELENDA RESENDE DE MELO,S/N
Setor Universitário
74605-050 - Goiania, GO - Brasil
Telefone: (62) 2616497
Fax: (62) 2023066
URL da Homepage: http://


Formação acadêmica/titulação


2013 - 2016
Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Título: Efeito da Nitazoxanida no metabolismo energético de Taenia crassiceps, Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Marina Clare Vinaud.
Palavras-chave: Taenia crassiceps; metabolismo energetico; nitazoxanida.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
1987 - 1993
Mestrado em Medicina Tropical.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Título: Influência da heparina e do citrato de sódio no xenodiagnóstico artificial,Ano de Obtenção: 1993.
Orientador: Ionizete Garcia da Silva.
Palavras-chave: Rodnius neglectus; heparina; citrato de sódio; xenodiagnóstico artificial.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Saúde Humana.
1984 - 1985
Especialização em Parasitologia. (Carga Horária: 360h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
1972 - 1976
Graduação em Farmácia Bioquímica.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.




Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

1980 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

8/1997 - Atual
Estágios , Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.

Estágio realizado
iNTRODUÇÃO À INFORMÁTICA - WINDOWS 95.
8/1996 - Atual
Estágios , Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.

Estágio realizado
II Seminário de Avaliação Institucional e Seminário de Graduação da UFG.
6/1996 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.

9/1988 - Atual
Estágios , Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.

Estágio realizado
Curso de Biotério.
8/1982 - Atual
Estágios , Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.

Estágio realizado
Atualização sobre malária.
7/1982 - Atual
Estágios , Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.

Estágio realizado
Citologia Sanguinea.
8/1980 - Atual
Estágios , Instituto de Patologia Tropical e Saúde Publica, Departamento de Parasitologia.

Estágio realizado
Sorologia titulada para Toxoplasmose.
6/1980 - 3/2004
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Entomologia


Linhas de pesquisa


1.
Estudo da cisticercose experimental., bioquímica de helmintos


Projetos de pesquisa


2013 - Atual
NEUROCISTICERCOSE EXPERIMENTAL: ALTERAÇÕES MORFOLÓGICAS E BIOQUIMICAS CAUSADAS PELA AÇÃO DE NITAZOXANIDA E NICLOSAMIDA .
Descrição: A neurocisticercose ( NCC) é um problema de saúde Pública no Brasil, apresentando uma incidência estimada de 29% em pacientes com eplepsia ( WHO, 2009). Os fármacos utilizados para o seu tratamento são o albendazol e o praziquantel , com extensos estudos sobre as alterações bioquimica e estruturais nos parasitos , entretanto não são explorados os mecanismos de ação de outros fármacos cestocidas sobre estes parasitos. O modelo experimental mais utilizado para se estudar a NCC é realizado com cisticercos de Taenia crassiceps inoculados no encéfalo de camundongos. Portanto este projeto de pesquisa se propõe a caracterizar morfológica e bioquimicamente a atividade de fármacos anti- helmintícos em cisticercos de T. crassiceps ( cepas ORFe WFU) inoculadosno encéfalo de camundongos BALB/c . Os camundongos infectados serão tratados com uma baixa dosagem dos fármacos cestocidas niclosamida e nitazoxanida..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Eliana Isac - Integrante / MARINA CLARE VINAUD - Coordenador / MARCO VITOR SILVA DE MELO COSTA - Integrante / MILTON ADRIANO PELLI DE OLIVEIRA - Integrante / RUY DE SOUZA LINO JUNIOR - Integrante / VANIA BEATRIZ LOPES MOURA - Integrante / CAROLINA MIGUEL FRAGA - Integrante / JOELMA MARQUES NASARETH - Integrante / MELISSA TAVARES ALMEIDA - Integrante.
2009 - Atual
CARACTERIZAÇÃO MORFOLÓGICA DE LAGOCHILASCARIS MINOR, LEIPER(1909), EM SECÇÕES POR MICROTOMIA E MICROFOTOGRAFIA DE LUZ.
Descrição: Conceitua-se lagochilascarias como infecção causada por vermes do genero Lagochilascaris. á cinco espécies conhecidas, apenas Lagochilascaris minor tem sido incriminado como agente da infecção, etiológico da infecção humana.Há aspectos totalmente desconhecidos no que diz respeito à interação entre o hospedeiro humano e o L. minor, especialmente na fase inicial da doença. Em uma fase mais avançada da infecção, surgem no homem lesões tumorais ( nódulos abertos ou fechados) nas regiões : cervical, retroauricular, mastoide, conduto auditivo, seios paranasais, rino e orofaringe, sistema nervoso central e pulmões.A lesão tumoral encontrada na região cervical, sob forma de pseudocisto , nódulo ou abcesso, apresenta-se com um diâmetro de 5 a 12 cm; é dolorosa de consistência dura , com bordas indefinidas; quando fistulizada , drena material sero-purulento, fétidido, contendo ovos larvas e vermes adultos.O diagnóstico laboratorial da lagochilascariase humana baseia-se no exame parasitológico com a demonstração direta e identificação de estádios evolutivos do parasitozes em amostras de fezes e/ou secreções das lesões, ou mesmo , por exame histopatológico de material obtido por biópsia de tecidos. Neste último procedimento, na maioria das vezes , a identificação do parasito e de seus estádios evolutivos é comprometida pelo desconhecimento da morfologia do helminto nestes tipos de preparações, a qual ainda é carente na literatura. Esta limitação do diagnóstico histopatológico justifica o presente trabalho que tem como objetivos caracterização morfológica do parasito em cortes longitudinais, transversais e sagitais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eliana Isac - Integrante / Carlos Augusto Lopes Barbosa - Integrante / José Clecildo Barreto Bezerra - Integrante / Alverne Passos Barbosa - Coordenador / Elson Gonçalves de Andrade - Integrante / Jayrson Araújo de Oliveira - Integrante / Maria de Jesus Ferreira dos Santos - Integrante / Walquiria Arruda - Integrante / Ana Paula de Toledo Vieira - Integrante.
2008 - 2010
DETECÇÃO DE ENTEROPARASITAS EM AMOSTRAS DE ALFACE (LACTUCA SATIVA)COMERCIALIZADAS NO MUNICÍPIO DE GOIÃNIA
Descrição: Pesquisa de ovos, larvas de helmintos e cistos de protozoarios em alfaces( Lactuca sativa) comercializadas em supermercados e feiras lovres (CEASA) no municipio de Goiania..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eliana Isac - Coordenador.


Projetos de extensão


2008 - 2011
ATLAS DE PARASITOLOGIA HUMANA
Descrição: A proposta deste projeto é oferecer um curso on-line de Parasitologia básica dos parasitas de importância humana, com base nos assuntos abordados no Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública para os cursos de graduação da área Ciências da Saúde. Para implementação e realização deste curso será produzido um atlas parasitológico on line a ser publicado na página da internet do Instituto de Patologia Tropical e Saúde Pública da UFG a partir das lâminas de parasitas e do conteúdo teórico apresentados e estudados nas aulas teórico-práticas. Esta página terá uma manutenção constante, no que concerne ao aprimoramento e atualização de seu conteúdo..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Eliana Isac - Coordenador / Joanna Darc Aparecida HerzogSoares - Integrante / Carlos Augusto Lopes Barbosa - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Helmintologia de Parasitos/Especialidade: Helmintologia Humana.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Protozoologia de Parasitos/Especialidade: Protozoologia Parasitária Humana.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Helmintologia de Parasitos.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Parasitologia / Subárea: Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores/Especialidade: Identificação de Vetores.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
DE ANDRADE PICANÇO, GUARACIARA2017DE ANDRADE PICANÇO, GUARACIARA ; DE LIMA, NAYANA FERREIRA ; FRAGA, CAROLINA MIGUEL ; DA COSTA, TATIANE LUIZA ; ISAC, ELIANA ; AMBROSIO, JAVIER ; CASTILLO, RAFAEL ; VINAUD, MARINA CLARE . A benzimidazole derivative (RCB15) in vitro induces the alternative energetic metabolism and glycolysis in Taenia crassiceps cysticerci. ACTA TROPICA, v. 176, p. 288-292, 2017.

2.
ISAC, E.;ISAC, ELIANA2016ISAC, E.; PICANCO, G. A. ; COSTA, T. L. ; LIMA, N. F. ; ALVES, D. S. M. M. ; FRAGA, C. M. ; LINO JUNIOR, R. S. ; VINAUD, M. C. . Nitazoxanida Induces in Vitro Partial Blockage of Glucose Uptake and Aerobic Preference in Taenia crassiceps Cysticerci. Paripex - Indian Journal of Research, v. 5, p. 97-100, 2016.

3.
ISAC, ELIANA2016 ISAC, ELIANA; DE A. PICANÇO, GUARACIARA ; DA COSTA, TATIANE L. ; DE LIMA, NAYANA F. ; DE S. M. M. ALVES, DANIELLA ; FRAGA, CAROLINA M. ; DE S. LINO JUNIOR, RUY ; VINAUD, MARINA C. . Nitazoxanide induces in vitro metabolic acidosis in Taenia crassiceps cysticerci. Experimental Parasitology, v. 171, p. 17-22, 2016.

4.
HERZOG SOARES, J. D. A.2006HERZOG SOARES, J. D. A. ; ISAC, E. ; Castro Ana Maria ; BEZERRA, J. C. B. . Bioatividade de Stryphnodendron adstrigens,S.polyphyllum,Caryocar brasiliense plantas do cerrado sobre o Trypanosoma cruzi. Bioscience Journal (UFU. Impresso), v. 22, p. 113-118, 2006.

5.
SILVA, I. G.2003SILVA, I. G. ; Guimarães V .P ; Lima,C.G ; SILVA, H. H. G. ; ELIAS, C. N. ; Mady C. M ; Silva, V. V. M. ; Nery, A. P. ; ROCHA, C. ; Rocha, R. R. ; ISAC, E. . Efeito larvicida e toxicológico do extrato bruto etanólico da casca do caule da Magonia pubescens sobre o Aedes aegypti (Diptera, Culicidae) em criadouros artificiais. Revista de Patologia Tropical, Brasil, v. 32, n.1, p. 73-86, 2003.

6.
HERZOG SOARES, J. D. A.2002HERZOG SOARES, J. D. A. ; ALVES, R. K. ; ISAC, E. ; BEZERRA, J. C. B. ; GOMES, M. H. ; SANTOS, S. C. ; FERRI, P. H. . Atividade tripanocida in vivo de Stryphnodendron adstringens (barbatimão verdadeiro) e Caryocar brasiliensis (pequi). Revista Brasileira de Farmacognosia, Maringá- Pr, v. 12, n.Supl., p. 01-02, 2002.

7.
ISAC, E.;ISAC, ELIANA2000ISAC, E.; ALVES, R. B. N. ; ROCHA, A. P. ; COSTA JÚNIOR, O. O. ; SANTOS, A. H. . Biologia do Triatoma costalimaii (VERANO & GALVÃO.1959) (HEMIPTERA,REDUVIIDAE). Annals of Global Analysis and Geometry, Goiânia-Go, v. 29, n.2, p. 233-240, 2000.

8.
SANTOS, A. H.1999SANTOS, A. H. ; CAMARGO, M. F. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ALVES, R. B. N. ; ISAC, E. . Monitoramento da Densidade do Aedes aegypti e do Aedes albopictus, Avaliada Através do Levantamento d e Criadouros. Revista de Patologia Tropical, v. 28, n.2, 1999.

9.
CAMARGO, M. F.1998CAMARGO, M. F. ; SANTOS, A. H. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ABRÃO, N. ; ALVES, R. B. N. ; ISAC, E. . Avaliação da Ação Residual do Larvicida Temephós Sobre o Aedes aegypti (Diptera, Culicidae) em Diferentes Tipos de Recipientes. Revista de Patologia Tropical (Impresso), v. 27, n.1, p. 61-66, 1998.

10.
SILVA, I. G.1996SILVA, I. G. ; CAMARGO, M. F. ; ISAC, E. ; SANTOS, A. H. . Ciclo Evolutivo do Triatoma williami GALVÃO, SOUZA & LIMA, 1995 em Condições de Laboratório. Revista Goiana de Medicina, v. 42, n.1, p. 16-19, 1996.

11.
SILVA, I. G.1996SILVA, I. G. ; SANTOS, A. H. ; FERRI, P. H. ; ALVES, R. B. N. ; MELO, R. L. ; SILVA, H. H. G. ; ELIAS, C. N. ; ISAC, E. . Ação Larvicida do Extrato Bruto Etanólico de Magonia pubescens St. Hil (tingui do cerrado) Sobre o Aedes aegypti (Linnaeus) em Laboratório. Revista de Patologia Tropical (Impresso), v. 25, n.1, p. 51-59, 1996.

12.
SILVA, I. G.1995SILVA, I. G. ; SILVA, J. L. ; CAMARGO, M. F. ; ELIAS, C. N. ; SANTOS, A. H. ; SILVA, H. H. G. ; ISAC, E. ; ALVES, R. B. N. . Infestação de Vetores da Tripanosomíase Americana no Ambiente Domiciliar, no Estado de Goiás. Revista de Patologia Tropical, v. 24, n.1, p. 41-47, 1995.

13.
SILVA, H. H. G.1994SILVA, H. H. G. ; SANTOS, A. H. ; ISAC, E. ; SILVA, I. G. . Eliminação de Epimastigotas e Tripomastigotas Estimada Através da Leitura do Xenodiagnóstico, Pelo Método das Dejeções Espontâneas. Revista de Patologia Tropical, v. 23, n.1, p. 101-106, 1994.

14.
ISAC, E.;ISAC, ELIANA1994 ISAC, E.. Infuência da heparina e do citrato de sódio no xenodiagnóstico artificial. Revista de Patologia Tropical, Goiania-Go, v. 23, n.1, p. 121-143, 1994.

15.
SILVA, I. G.1993SILVA, I. G. ; ELIAS, C. N. ; ISAC, E. . Ocorrência de Triatoma pseudomaculata (Correa & Spindola,1964) (Hemiptera,Reduviidae) em Goiânia, Goiás. Revista de Patologia Tropical, v. 22, n.1, p. 99, 1993.

16.
SILVA, I. G.1993SILVA, I. G. ; CAMARGO, M. F. ; ELIAS, C. N. ; ISAC, E. ; SANTOS, A. H. . Metodologia de Criação do Aedes aegypti (Linnaeus,1762) (Diptera, Culicidae) em Condições de Laboratório. Revista Goiana de Medicina, v. 39/40, n.1, p. 23-26, 1993.

17.
SILVA, I. G.1992SILVA, I. G. ; GARIBALDI, I. M. ; ISAC, E. . Infecção de Dipetalogaster maximus (Uhler,1894) (Hemiptera,Reduviidae) com o Trypanosoma cruzi por coprofagia.. Revista de Patologia Tropical, v. 21, n.2, p. 251-254, 1992.

18.
SANTOS, M. A. Q.1990SANTOS, M. A. Q. ; PAÇÔ, J. M. ; ISAC, E. ; D, E. S. . Prevalência estimada de parasitos em creches e estabelecimentos de ensino em Goiânia. Revista de Patologia Tropical, v. 19, n.1, p. 35-42, 1990.

19.
CAMPOS, D. M. B.1987CAMPOS, D. M. B. ; D, L. ; ISAC, E. ; CALIL, F. . Pesquisa de ovos de Toxocara sp em localidades públicas de Goiânia.. Revista de Patologia Tropical, Goiânia_GO, v. 19, n.01, p. 7-11, 1987.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ALVES, R. K. ; HERZOG SOARES, J. D. A. ; ISAC, E. ; BEZERRA, J. C. B. ; BARBOSA, C. A. L. . Avaliação da influência da Dexametasona na parasitemia do Trypanosoma cruzy em camundongos.. In: XXXVI Congresso Brasileiro de Medicina Tropical., 2000, São Luiz do Maranhão-MA. Rev. Soc. Bras. Med. Trop., 2000. v. 33. p. 134.

2.
SANTOS, A. H. ; ISAC, E. ; MELO, L. K. . Incidência de Moscas (Ordem Diptera, Sub Ordem CYclorrapha) em Ambientes Domiciliares da Cidade de Goiânia. In: XXXV Congresso da Sociedade Brassileira de Medicina Tropical, 1999, Guarapari-ES. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1999. v. 32. p. 447.

3.
SANTOS, A. H. ; ISAC, E. ; SILVA, J. L. ; CAMARGO, M. F. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; SILVA, E. A. ; ABRÃO, N. . Índices de infestação domiciliar e infecção natural pelo Trypanosoma cruzi das espécies de triatomíneos capturadas no estado de Goiás, no período, 1994-1998. In: Congresso Brasileiro de Parasitologia, 1999, Poços de Caldas -MG. Livro de Resumos do Congresso Brasileiro de Parasitologia, 1999. p. 151-151.

4.
HERZOG SOARES, J. D. A. ; FREIRE, R. B. ; ISAC, E. . Ação imunomodulatória da associação de micotoxinas sobre a infectividade e proliferação do Toxoplasma gondii in vitro.. In: XXXV Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1999, Guaraparí-ES. Rev. Soc. Bras. Med. Trop.. São Paulo, 1999. v. 32. p. 159.

5.
CAMARGO, M. F. ; ABRÃO, N. ; SANTOS, A. H. ; SILVA, E. A. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ISAC, E. . Provas Biológicas com Mosquitos em Tecidos Impregnados com Inseticidas. In: XXXIV Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1998, Manaus- Am. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1998. v. 31. p. 211.

6.
SANTOS, A. H. ; ABRÃO, N. ; SILVA, A. B. ; CAMARGO, M. F. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; SILVA, E. A. ; ISAC, E. . Levantamento Entomológico dos Vetores da Malária na Área a Jusante da Hidrelétrica de Serra da Mesa- Go, no Ano de 1996. In: XVII Congresso Brasileiro de Entomologia, 1998, Rio de Janeiro. Livro de Resumos, 1998. p. 990.

7.
SANTOS, A. H. ; SOUZA, C. R. S. E. ; FARIA, C. R. ; ISAC, E. ; ALVES, R. B. N. . Resultados preliminares da avaliação farmacológica da toxicidade do Tinguí (Magonia pusbescens) em camundongos. In: XXXIV CONGRESS DA SOC. BRAS. MED. TROPICAL, 1998, Manaus-AM. Rev. Soc. Bras. Med. Tropical, 1998. v. 31. p. 249-249.

8.
ISAC, E.; ALVES, R. B. N. ; SANTOS, A. H. ; COSTA JÚNIOR, O. O. ; ROCHA, A. P. . Biologia do Triatoma costalimai VERANO & GALVÃO, 1959, (Hemiptera, Reduviidae) em condições de laboratório.. In: XV CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA D E PARASITOLOGIA, 1997, Salvador. Livro de Resumos, 1997. p. 229.

9.
SILVA, J. L. ; SILVA, I. G. ; CAMARGO, M. F. ; ELIAS, C. N. ; SANTOS, A. H. ; SILVA, H. H. G. ; ISAC, E. ; ALVES, R. B. N. . Infestação de vetores de tripanosomíase americana em ambiente domiciliar no estado de Goiás. In: XIV Congresso Brasileiro de Parasitologia, 1995, Goiânia. XIV Congresso Brasileiro de Medicina tropical. Livro de Resumos, 1995. p. 308.

10.
SILVA, H. H. G. ; CAMARGO, M. F. ; ELIAS, C. N. ; ISAC, E. ; SILVA, I. G. . Metodologia de criação de Aedes (Stegomyia) aegypti (Linnaeus,1762) (diptera,culicidae) em condições de laboratório. In: XXX Congresso Brasileiro de Medicina Tropical, 1994, Salvador. XXX Congresso Brasileiro de Medicina Tropical. Livro de Resumos, 1994. p. 430-430.

11.
ISAC, E.; CAMARGO, M. F. ; SILVA, H. H. G. . Estudo da eficácia do Cythion no combate ao Aedes(Stegomyia) aegypti (Linnaeus,1762) e ao Culex quiquefasciatus (Wieldmann,1828) (Diptera,Culicidae).. In: XXX Congresso Brasileiro de Medicina tropical, 1994, Salvador. Congresso Bras. de Med. Tropical,Livro de Resumos, 1994. v. 28. p. 355-355.

12.
SILVA, I. G. ; SILVA, H. H. G. ; ISAC, E. . The infuence of temperature on the biology of triatominae . III. Panstrongylus megistus(Burmeister,1835) (Hemiptera,Reduviidae).. In: Reunião Anual de Pesquisa Básica em Doença de Chagas, 1993, Caxambú_MG. Mem. Inst. Oswaldo Cruz, 1993. v. 88. p. 254.

13.
SILVA, I. G. ; GARIBALDI, I. M. ; ISAC, E. . Infecção de Dipetalogaster maximus (UHLER,1894) (Hemiptera,Reduviidae)com o Trypanosoma cruzy por coprofagia.. In: VIII Reunião Anual de Pesquisa Aplicada Em doen.ca de Chagas., 1992, Uberaba-MG. Rev. Soc. Bras. Med. Trop., 1992. v. 25. p. 92.

14.
SILVA, I. G. ; NAKANO, R. ; ISAC, E. ; SILVA, J. L. ; QUEIROZ, A. L. . Efeito residual da deltametrina K-Othrine Flow Sc 50) no controle de triatomíneos em Pirenópolis-GO. In: VIII Reunião Anual de Pesquisa Aplicada em doença de Chagas, 1992, Uberaba-MG. Rev. Soc. Bras. Med. Trop., 1992. v. 25. p. 87.

15.
SANTOS, M. A. Q. ; PAÇÔ, J. M. ; ISAC, E. ; D, E. S. . Prevalência estimada de parasitos em escolares de creches e estabelecimentos de ensino em Goiânia. In: XI CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA TROPICAL, 1987, SALVADOR. Livro de Resumos, 1987. p. 37-38.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MESQUITA, A. D. G. ; ISAC, E. ; LUZ, W. C. ; BARBOSA, A. P. ; OLIVEIRA, J. A. ; RODRIGUES FILHO, J. ; ISAC, E. . Avaliação do efeito do pH sobre larvas de Lagochilascaris minor ( Leiper, 1909) em monolayer de ágar-ágar 1,5% em placa de petri. In: 63ª Reunião Anual da SBPC na UFG, 2011, Goiania. 63º Reunião da SBPC, 2011.

2.
ISAC, E.; SILVA, I. G. ; COSTA, S. S. ; ELIAS, C. N. . Ação larvicida do ólo de Anacardium occidentalis sobre larvas de terceiro estádio de Aedes aegypti (Diptera, Culicidae) em laboratório. In: XLII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2007, Campos do Jordão. Livro de Resumos, 2007. v. 40. p. 42-42.

3.
ISAC, E.; SILVA, I. G. ; CAVALCANTE, L. M. . Atividade larvicida de Madex sobre larvas de terceiro estádio de Aedes albopictus SKUSE,1984 (Diptera, Culicidae). In: XLI Congresso Brasileiro de Medicina Tropical, 2005, Florianopolis. Rev. Soc. Bras. Med. Tropical, 2005. v. 38. p. 53-53.

4.
ISAC, E.; SILVA, H. H. G. ; Silva, V. V. M. ; SILVA, I. G. ; ELIAS, C. N. ; OLIVEIRA, J. H. ; CAVALCANTE, L. M. . As medidas alternativas utilizadas pela população apresentam eficácia no controle do Aedes aegypti?teriam sido descobertos novos principios ativos larvicidas?. In: XL Congresso Brasileiro de Medicina Tropical, 2004, Aracaju-Se. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2004. v. 37. p. 165-165.

5.
OLIVEIRA, J. H. ; SILVA, I. G. ; SILVA, H. H. G. ; ELIAS, C. N. ; Valeria Sales Forte ; ISAC, E. . Atividade larvicida e toxicidade do fruto Sapindus saponaria para Culex quinquefasciatus (Diptera,Culicidae). In: XX Congresso Brasileiro de Entoologia, 2004, Gramado RS. Livro de Resumos, 2004. p. 470-470.

6.
OLIVEIRA, J. H. ; SILVA, I. G. ; SILVA, H. H. G. ; Valeria Sales Forte ; ISAC, E. . Efeito larvicida e toxicologico do extrato bruto etanólico do fruto do Sapindus saponaria sobre o Aedes aegypti. In: XX Congresso Brasileiro de Entomologia, 2004, Gramado-RS. Livro de Resumos, 2004. p. 470-470.

7.
OLIVEIRA, J. A. ; HERZOG SOARES, J. D. A. ; CAMPOS, D. M. B. ; PAÇÔ, J. M. ; CARNEIRO, E. ; ISAC, E. ; JESUS, M. ; BARBOSA, C. A. L. . isolado de Lagochilascaris minor . Procedimentos empregados para obtenção de ovos infectantes.. In: XXXVIII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2002, Foz do Iguacú-Pr. Revista de Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2002. v. 35. p. 246-246.

8.
ISAC, E.; HERZOG SOARES, J. D. A. ; SANTOS, S. S. ; FERRI, P. H. ; BEZERRA, J. C. B. ; BARBOSA, C. A. L. . Avaliação da bioatividade de Stryphnodendron polyphyllum sobre a parasitemia de Leishmania amazonensis in vitro. In: XXXVIII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2002, Foz do Iguacú-Pr. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2002. v. 35. p. 301-301.

9.
HERZOG SOARES, J. D. A. ; ALVES, R. K. ; ISAC, E. ; C, S. S. ; FERRI, P. H. ; BEZERRA, J. C. B. ; GOMES, M. H. . Atividade do Stryphnodendron Polyphylum sobre a parasitemia do Trypanosoma cruzi,. In: XXXVII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2001, Salvador -Ba. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2001. v. 34. p. 117-117.

10.
HERZOG SOARES, J. D. A. ; ALVES, R. K. ; ISAC, E. ; GOMES, M. H. . Estudo da Ação in vivo e in vitro da Dexametasona na Trypanosomíase americana. In: XXXVII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2001, Salvador-Ba, 2001. v. 34. p. 128-128.

11.
HERZOG SOARES, J. D. A. ; ALVES, R. K. ; ISAC, E. ; GOMES, M. H. . Implicações imunossupressoras da Aflatoxina B1, na infecção por Trypanosoma cruz.i. In: XXXVII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 2001, Salvador-Ba, 2001. v. 34. p. 130-130.

12.
BARBOSA, C. A. L. ; ISAC, E. ; GOSH, C. S. ; CARNEIRO, E. ; BARBOSA, A. P. ; CARVALHAES, M. S. . Avaliação da Atividade do Solanum Lycocarpum (Lobeira) sobre ovos e larvas de Lagochilascaris minor. In: XXXVII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical., 2001, Salvador-Ba, 2001. v. 34. p. 414-414.

13.
BARBOSA, C. A. L. ; VIEIRA, M. A. ; CARNEIRO, E. ; OLIVEIRA, J. A. ; HERZOG SOARES, J. D. A. ; ISAC, E. . Estudo sobre criopreservação de larvas de Lagochilascaris minor.. In: XXXVI Congresso Brasileiro de Medicina Tropical., 2000, São Luiz do Maranhão. Rev. Soc. Bras. Med. Trop., 2000. v. 33. p. 145.

14.
CAMARGO, M. F. ; SILVA, J. L. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; SILVA, E. A. ; ABRÃO, N. ; SANTOS, A. H. ; ISAC, E. . Soroprevalência da Doença de Chagas Entre Escolares da Zona Rural do Estado de Goiás, no Período 1994- 1996. In: XXXV Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1999, Guarapari-ES. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1999. v. 32. p. 331.

15.
ISAC, E.; SILVA, J. L. ; CAMARGO, M. F. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; SILVA, E. A. ; ABRÃO, N. ; SANTOS, A. H. . Levantamento Domiciliar dos Vetores da Doença de Chagas no Estado de Goiás, no Ano de 1998. In: XXXVCongresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1999, Guarapari- ES. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1999. v. 32. p. 331.

16.
SANTOS, A. H. ; CAMARGO, M. F. ; RIBEIRO, E. L. ; FERREIRA, W. M. ; NAVES, P. L. F. ; SILVA, E. A. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ABRÃO, N. ; ISAC, E. . Deteccion of Leishmaniosis Vectors in an Agricultural Settlement Cantoneiras, in the West of State of Goias. In: 2nd Congress of Pharmaceutical Sciences, 1999, Ribeirão Preto - SP. Bolettino Chimico Farmaceutico,Rivista di Scienze Farmaceutiche e Biologiche, 1999. v. 138. p. 212.

17.
BARBOSA, C. A. L. ; CERQUEIRA, A. R. ; RIBEIRO, T. F. ; FIGUEIREDO, A. ; ISAC, E. ; LUZ, C. W. . Prevalência de parasitoses intestinais em adolescentes carentes de Goiânia_GO, no ano de 1998. In: XXXV Congresso Brasileiro de Medicina Tropical, 1999, Guaraparï_ES. Rev. Soc. Bras. Med. Trop.. São Paulo, 1999. v. 32. p. 311.

18.
SILVA, L. A. ; ISAC, E. ; HERZOG SOARES, J. D. A. ; BEZERRA, J. C. B. . Efeito imunossupressorda micotoxina aflatoxina sobre o desenvolvimento e a infecção com Strongyloides venezuelensis em camundongos.. In: Seminário do PIBIC, 1999, ICB_UFG. Goiânia, 1999.

19.
HERZOG SOARES, J. D. A. ; FREIRE, R. B. ; ISAC, E. . Ação imunomodulatória da associação de micotoxinas sôbre a infectividade e proliferação do Toxoplasma gondii in vitro.. In: XXXV Congresso da Sociedade Brasileira de Parasitologia, 1999, Guarapari-ES. rev. Soc. Bras. Parasit., 1999. v. 32. p. 159-159.

20.
SILVA, E. A. ; BRITO, J. L. L. ; CAMARGO, M. F. ; SANTOS, A. H. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ISAC, E. . Vigilância Entomológica de Aedes aegypti e Aedes albopictus atrvés de armadilhas -ovitrampas em prédios na cidade de Goiânia-GO. In: XXXIV Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1998, Manaus- AM. Rev. Soc. Bras. Med. Trop.. São Paulo, 1998. v. 31. p. 213.

21.
SANTOS, A. H. ; SOUZA, C. R. S. E. ; FARIA, C. R. ; OLIVEIRA, L. A. A. ; ISAC, E. ; ALVES, R. B. N. . Resultados Preliminares da Avaliação Farmacológica da Toxicidade do Tingui (Magonia pubescens) em Camundongos.. In: XXXIV Congresso da Socidade Brasileira de Medicina Tropical, 1998, Manaus. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1998. v. 31. p. 249.

22.
OLIVEIRA, A. W. S. ; GUIMARÃES, F. L. ; CAMARGO, M. F. ; SANTOS, A. H. ; ISAC, E. ; ALVES, R. B. N. . Levantamento Domiciliar dos Vetores da Doença de Chagas, no Estado de Goiás, no Período de 1994/1995. In: XXXIV Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, 1998, Manaus- Am. Revista da Sociedade Brasileira d e Medicina Tropical, 1998. v. 31. p. 235.

23.
SILVA, E. A. ; SILVA, A. B. ; CAMARGO, M. F. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ABRÃO, N. ; SANTOS, A. H. ; ISAC, E. . Uso de Ovitrampas como Forma de Avaliação da Densidade dos Vetores da Dengue e Febre Amarela Urbana. In: XVII Congresso Brasileiro d e Entomologia, 1998, Rio de Janeiro. Livro de Resumos, 1998. p. 1000.

24.
SANTOS, A. H. ; CAMARGO, M. F. ; SILVA, E. A. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; FARIA, C. R. ; ISAC, E. . Influência da participação popular no controle dos vetores da dengue e febre amarela urbana. In: XXXIV CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA TROPICAL, 1998, Manaus. Rev. Soc. Bras. Med. Tropical, 1998. v. 31. p. 214-214.

25.
OLIVEIRA, A. W. S. ; GUIMARÃES, F. L. ; CAMARGO, M. F. ; SANTOS, A. H. ; ISAC, E. ; ALVES, R. B. N. . Avaliação da Ação Reisdual do Larvicida Temephós sobre o Aedes aegypti, em Diferentes Criadouros Artificiais. In: XV Congresso Brasileiro de Parasitologia, 1997, Salvador. Livro de Resumos, 1997. p. 215-215.

26.
SANTOS, A. H. ; ABRÃO, N. ; CAMARGO, M. F. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ALVES, R. B. N. ; ISAC, E. . Prevenção e controle da malária na área da Usina Hidroelétrica da Serra da Mesa-GO.. In: XV CONGRESSO BRASILEIRO DE PARASITOLOGIA, 1997, Salvador-BA. Livro de Resumos, 1997. p. 184-184.

27.
SILVA, E. A. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; CAMARGO, M. F. ; SANTOS, A. H. ; ALVES, R. B. N. ; ISAC, E. . Levantamento do índice aédico na cidade de goiânia-GO. In: XV CONGRESSO BRASILEIRO DE PARASITOLOGIA, 1997, Salvador-BA. Livro de Resumos, 1997. p. 216-216.

28.
ALVES, R. B. N. ; CAMARGO, M. F. ; SILVA, E. A. ; GUIMARÃES, F. L. ; SANTOS, A. H. ; ISAC, E. . Monitoramento da densidade do Aedes aegypti e do Aedes albopictus através do levantamento de criadouros. In: XV CONGRESSO BRASILEIRO DE PARASITOLOGIA, 1997, Salvador. Livro de Resumos, 1997. p. 217-217.

29.
SANTOS, A. H. ; CAMARGO, M. F. ; OLIVEIRA, A. W. S. ; ALVES, R. B. N. ; ISAC, E. . Prevention and control of the malaria disease in the area of Serra da Mesa hidrelectric plant in Goiás. In: XIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Protozoologia, 1997, Caxambu. Mem. Inst. Oswaldo Cruz, 1997. v. 92. p. 307-307.

30.
BADAUY, R. C. ; ROCHA, A. P. ; ISAC, E. ; SILVA, I. G. . Interaçaõ biológica entre o D.maximus (Hemiptera, Reduviidae) o Trypanosoma cruzi(Kinetoplastodae,Tripanosomatidae). In: XIV Congresso da Sociedade Brasileira de Parasitologia, 1995, Goiânia. XIV Congresso Brasileiro de Parasitologia Livro de Resumos, 1995. p. 310-310.

31.
ISAC, E.; NAKANO, R. ; SILVA, I. G. . Metodologia para criação em grande escala de Dipetalogaster maximus (UHLER,1894)(Hemiptera.Reduviidae) em condições de laboratório e aspectos de sua fecundidade e longevidade.. In: XXXI CONGRESSO BRASILEIRO DE TROPICAL, 1995. Livros de Resumos, 1995. v. 28. p. 283-283.

32.
BADAUY, R. C. ; ROCHA, A. P. ; ISAC, E. ; SILVA, I. G. . Interação biológica entre o Dipetalogaster maximus (Hemiptera, Reduviidae) e o Trypanosoma cruzi (Kinetoplastidae, Tripanosomatidae). In: XIV Congresso Brasileira de Parasitologia, 1995, Goiânia. XIV Congresso Brasileiro de Parasitologia, 1995.

33.
ISAC, E.; CAMARGO, M. F. ; SILVA, H. H. G. . Estudo da eficácia do Cythion no combate ao Aedes (Stegomyia) aegypti (Linnaeus,1762) e ao Culex quinquefasciatus (Wieldmann,1828) (Diptera, Culicidae).. In: XXX Congresso Brasileiro de Medicina Tropical., 1994, Salvador_BA. Rev. Soc. Bras. Med. Trop.. São Paulo, 1994. p. 355.

34.
SILVA, H. H. G. ; NAKANO, R. ; ISAC, E. ; SILVA, I. G. . Suscetibilidade de triatomineos ao Trypanosoma cruzi através do xenodiagnóstico aplicados em pacientes chagásicos crônicos não tratados. In: X Reunião Anual de Pesquisa Aplicada em doença de Chagas, 1994, Uberaba. Rev Soc. Bras. Med. Tropical, 1994. v. 27. p. 160-160.

35.
SANTOS, A. H. ; SILVA, I. G. ; RASSI, A. ; SILVA, H. H. G. ; ISAC, E. . A comparative study between natural and artificial xenodiagnosis on chronic chagasic patients. In: XXI ReuniãoAnual Pesquisa Básica em Doença de Chagas, 1994, Caxambú. Mem Inst. Oswaldo Cruz, 1994. v. 89. p. 206.

36.
SILVA, H. H. G. ; SANTOS, A. H. ; ISAC, E. ; SILVA, I. G. . Eliminação de epimastigotas e tripomastigotas estimadas através da leitura do xenodiagnóstico pelo método das dejeções espontâneas. In: II Seminário de Patologia Tropical e Saúde Pública, 1994, Goiânia. Livro de Resumos, 1994. v. 23. p. 54-54.

37.
SILVA, H. H. G. ; ISAC, E. ; SILVA, I. G. . Aspectos da multiplicação de Trypanosoma cruzy em diferentes espécies de triatomíneos. In: XIII Congresso Brasileiro de Medicina Tropical, 1993, Rio de Janeiro. Rev.Bras. Parasit. Vet., 1993. v. 2. p. 48.

38.
ISAC, E.; SILVA, H. H. G. ; SILVA, I. G. . Avaliação do nível parasitêmico da cepa. In: XXIX Congresso da Socied. Brasileira de Medicina Tropical, 1993, Fortaleza. XXIV Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina tropical, 1993. v. 26. p. 196-196.

39.
SILVA, I. G. ; SILVA, H. H. G. ; ISAC, E. . The influence of temperature on the biology of triatominae.III Panstrongylus megistus(Burmeister,1835) Hemiptera,Reduviidae). In: XX Reunião Anual de Pesquisa Básica em Doença de Chagas, 1993, Caxambú. Mem. Inst. Oswaldo Cruz, 1993. v. 88. p. 254-254.

40.
ISAC, E.; SILVA, I. G. ; SANTOS, A. H. ; SILVA, H. H. G. . Concentração de anticoagulantes para o xenodiagnóstico artificial. In: XXVIII Congresso da Sociedade Brasileira de de Medicina Tropical, 1992, São Paulo. XXVIIICongresso da Sociedade. Brasileira de Med. Trop., 1992. v. 26. p. 32-33.

41.
SILVA, I. G. ; GARIBALDI, I. M. ; ISAC, E. . Infecçao de Dipetalogaster maximus (UHLER,1894) (Hemiptera,Reduviidae) com o Trypanosoma por Coprofagia. In: VIII Reunião Anual de Pesquisa Aplicada em Doença de Chagas, 1992, Caxambú. Rev. Soc. Bras. Med. Trop., 1992. v. 25. p. 92-92.

42.
ISAC, E.; SILVA, I. G. . Influência da heparina e do citrato de sódio no xenodiagnóstico artificial. In: XVII Congresso da Sociedade Brasileira de Parasitologia, 1991, São Paulo. Revista instituto de Medicina Tropical. São Paulo, 1991. v. 33. p. 17.

43.
ISAC, E.; L, O. A. . Hemocultura em pacientes chagásicos . Comparação entre diferentes meios de cultura.. In: XXVII CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE MEDICINATROPICAL, 1981, CALDAS NOVAS. ANAIS DO CONGRESSO, 1981. p. 42-42.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
63ª Reunião Anual da SBPC.Avaliação do efeito do pH sobre larvas de Lagochilascaris minor ( Leiper, 1909) em monolayer de ágar-ágar 1,5% em placa de petri. 2011. (Outra).

2.
4ª Mostra Multicultural Milton Santos. 2008. (Encontro).

3.
VI SEminário de Patologia Tropical e Saúde Pública. 2007. (Seminário).

4.
Projeto Pensar.Projeto Pensar. 2006. (Outra).

5.
VI SEminário de Patologia Tropical e Saúde Pública. 2006. (Seminário).

6.
II Congresso de Ensino e Extensão da UFG. 2005. (Seminário).

7.
XLI Congresso Brasileiro de Medicina Tropical. Atividade larvicida de Madex sobre larvas de Aedes albopictus SKUSE,1984(Diptera,Culicidae). 2005. (Congresso).

8.
II Seminário em Patologia Tropical e Saúde Pública. 2004. (Seminário).

9.
XXXVII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Atividade de Stryphnodendron polyphyllum sobre a parasitemia do trypanosoma cruzi. 2001. (Congresso).

10.
XXXVI Congress Brasileiro de Medicina Tropical. Estudo sobre a criopreservação de larvas de Lagochilascaris minor. 2000. (Congresso).

11.
XXXV Congresso da Sociedade Brasileira de Parasitologia. Ação imunomodulatoria da associação de micotoxinas sôbre a infectividade e proliferação de Toxoplasma gondii in vitro. 1999. (Congresso).

12.
XXXIV CONGRESSO DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE MEDICINA TROPICAL. Vigilância entomológica de Aedes aegypti e Aedes albopictus através de armadilhas Ovitrampas- em prédios de Goiânia_-GO. 1998. (Congresso).

13.
XIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Protozoologia.Prevention and control of the malaria disease in the area of Serra da Mesa Hidrelectric plant in Goiás.. 1997. (Outra).

14.
XV CONGRESSO BRASILEIRO DE PARASITOLOGIA. Prevenção e controle da malária na área da Usina Hidroelétrica da Serra da Mesa-GO .. 1997. (Congresso).

15.
XIV Congresso Brasileira de Parasitologia. Interação biológica entre o Dipetalogaster maximus (Hemiptra ,Reduviidae)o Trypanosoma cruzi(Kintoplastidae,Tripanosomatidae). 1995. (Congresso).

16.
XXXI CONGRESSO BRASILEIRO DE TROPICAL. Metodologia para grande escala de Dipetalogaster maximus (UHLER,1894)(Hemiptera,Reduviidae) em condições de laboratório e aspectos de sua fecundidade e longevidade.. 1995. (Congresso).

17.
II Seminário de Patologia Tropical e Saúde Pública.Eliminação de epimastigotas e tripomastigotas estimadas através da leitura do xenodiagnóstico peo método das dejeções espontâneas. 1994. (Seminário).

18.
X Reunião Anual de Pesquisa Aplicada em doença de Chagas.Suscetibilidade de triatomineos ao Trypanosoma cruzi , através do xenodiagnóstico aplicados em pacientes chagásicos crônicos não tratados. 1994. (Outra).

19.
XXI ReuniãoAnual Pesquisa Básica em Doença de Chagas.A comparative study between natural and artificial xenodiagnosis on chronic chagasic patients. 1994. (Outra).

20.
XXX Congresso Brasileiro de Medicina Tropical. Metodologia de criaçaõ de Aedes (Stegomyia)aegypti (Linnaeus,1762)(Diptera,Culicidae) em condições de laboratório. 1994. (Congresso).

21.
XII ICongresso Brasileiro de Parasitologia. Aspectos da multiplicação de Trypanosoma cruzi em diferentes especies de triatomineos. 1993. (Congresso).

22.
XXIX Congresso da Socied. Brasileira de Medicina Tropical. Avaliação do nível parasitêmico da cepa. 1993. (Congresso).

23.
XX Reunião Anual de Pesquisa Básica em Doença de Chagas.The influence of temperature on the biology of triatominae III.Panstrongylus megistus(Burmeister,91835)hEMIPTERA,REUVIIDAE). 1993. (Outra).

24.
VIII Reunião Anual de Pesquisa Aplicada em Doença de Chagas.Infecção de Dipetalogaster maximus (UHLER,1894) (Hemiptera, Reduviidae) com o Trypanosoma cruzi por coprofagia. 1992. (Outra).

25.
XXVIII Congresso da Sociedade Brasileira de de Medicina Tropical. Concentração de anticoagulantes para o xenodiagnóstico artificial.. 1992. (Congresso).

26.
XVII Congresso da Sociedade Brasileira de Parasitologia. Infuência da heparina e do citrato de sódio no xenodiagnóstico artificial. 1991. (Congresso).

27.
XI CONGRESSO BRASILEIRO DE MEDICINA TROPICAL. Prevalência estimada de parasitos em escolares de creches e estabelecimentos de ensino em Goiânia. 1987. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Alexandre Dias Gusmão di Mesquita. Avaliação do pH na eclosão de larvas infectantes de Lagochilascaris minor( LEIPER,190 9) em diferentes intervalos de tempo em monolayer de Ágar_Ágar a 1,5% em placa de Petri. Início: 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Farmácia Bioquímica) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Alexandre Dias Gusmão Di Mesquita. Avaliação do efeito do pH sobre larvas L3 de Lagochilascaris minor ( Leiper, 1909) em monolayer de agar- agar 1,55 em placa de Petri. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia Bioquímica) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Eliana Isac.

2.
Raphael C. calixto,Leandro M. Amaral Whaene Arantes. DETECÇÃO DE ENTEROPARASITAS EM AMOSTRAS DE ALFACE (LACTUCA SATIVA) COMERCIALIZADAS NO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA-GOIÁS. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Farmácia Bioquímica) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Eliana Isac.

Iniciação científica
1.
Orlando de Oliveira Costa Júnior. Avaliação do nível parasitêmico da cepa y de Trypanosoma cruzi em Dipetalogaster maximus alimentados com diferentes períodos de infecção. 1998. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Farmácia Bioquímica) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Eliana Isac.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/10/2018 às 6:27:51