Leonardo Sousa Cavalcanti

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3767875524749723
  • Última atualização do currículo em 15/04/2014


possui curso técnico em agropecuária pela Escola Agrotécnica Federal de Belo Jardim-PE (1991), graduação em Agronomia pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (1997), mestrado em Agronomia (Fitopatologia) pela Universidade Federal de Lavras (2000) e doutorado em Agronomia (Fitopatologia) pela Universidade de São Paulo (2005). Atualmente é Assessor de Projetos Institucionais da UNIVASF, desde 2012 e Coordenador Administrativo do Projeto de Conservação de Fauna e Flora junto ao Projeto de Integração do São Francisco, do Ministério da Integração Nacional. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Leonardo Sousa Cavalcanti
Nome em citações bibliográficas
CAVALCANTI, L. S.;Cavalcanti, L.S.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Vale do São Francisco, Colegiado de Engenharia Agrícola e Ambiental.
Av. Antonio Carlos Magalhães, 510
São Francisco
56306-410 - Juazeiro, BA - Brasil - Caixa-postal: 7752691046
Telefone: (74) 21027621
URL da Homepage: http://www.univasf.edu.br


Formação acadêmica/titulação


2001 - 2005
Doutorado em Agronomia (Fitopatologia).
Universidade de São Paulo.
Título: Papel da celulase Xf-0818 na interação Xylella fastidiosa X Citros, Ano de obtenção: 2005.
Orientador: Sérgio Florentino Pascholati.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Xylella fastidiosa; Fitopatologia; Citrus; Microscopia Eletrônica de Transmissão; Biologia molecular; Genoma funcional.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade / Especialidade: Fitopatologia.
Setores de atividade: Produção Vegetal.
1998 - 2000
Mestrado em Agronomia (Fitopatologia).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Título: Indução de resistência a Vertcillium dahliae Kleb em plantas de cacaueiro (Theobroma cacao L.), cv. Theobahia, por benzotiadiazole,Ano de Obtenção: 2000.
Orientador: Mário Lúcio Vilela de Resende.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Theobroma cacao; Cacau; Verticillium dahliae; Indução de resistência; Benzotiadiazole.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade / Especialidade: Fitopatologia.
Setores de atividade: Produção Vegetal.
1992 - 1998
Graduação em Agronomia.
Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.
1989 - 1991
Curso técnico/profissionalizante.
Escola Agrotécnica Federal de Belo Jardim.


Formação Complementar


2005 - 2005
Curso Avançado de Estrutura e Função de Proteínas. (Carga horária: 40h).
Fundação Oswaldo Cruz.
2001 - 2001
Curso de Curta Duração.
Universidade de São Paulo.


Atuação Profissional



Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP, ESALQ-USP, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador


Instituto Agronômico de Pernambuco, IPA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 8


Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 8


Universidade do Estado da Bahia, UNEB, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 4


Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Sertão Pernambucano, IFET-PETROLINA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Professor Colaborador, Enquadramento Funcional: Prof. Credenciado de Pós-graduação Lato Sensu, Carga horária: 4


Universidade Federal de Uberlândia, UFU, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2001
Vínculo: Professor substituto, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 8
Outras informações
Professor substituto da Disciplina Nematologia, na Universidade Federal de Uberlândia - UFU, sob contrato temporário de 04 meses

Atividades

9/2000 - 1/2001
Ensino, Agronomia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Nematologia

Universidade Federal do Vale do São Francisco, UNIVASF, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto III, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Área de Química orgânica e Bioquímica, Fitopatologia, Indução de resistência, Controle de doenças de plantas

Atividades

04/2011 - Atual
Ensino, Pós-graduação em Recursos Naturais do Semiáridoo, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Fisiologia e Bioquímica Fitopatológica
10/2004 - Atual
Ensino, Engenharia Agrícola e Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioquímica
Química orgânica
01/2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Colegiado de Engenharia Agrícola e Ambiental, .



Linhas de pesquisa


1.
Indução de resistência

Objetivo: Testar alternativas de controle de doenças de plantas através de mecanismos de resistência induzidos.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade / Especialidade: Fitopatologia.
Setores de atividade: Produção Vegetal.
Palavras-chave: Indução de resistência; Benzotiadiazole; Resistência de plantas a patógenos.
2.
Bioquímica de doenças de plantas

Objetivo: Identificar mecanismos bioquímicos de ataque em patógenos e de defesa em plantas.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade / Especialidade: Fitopatologia.
Setores de atividade: Produção Vegetal.
Palavras-chave: Resistência varietal; Celulase.


Projetos de pesquisa


2010 - 2013
Bioprospecção de fungos sapróbios no PPBIO/ semi-árido nordestino para o controle de doenças infecciosas em plantas: indução de resistência

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Coordenador.
2008 - 2010
Integração de estratégias de controle de podridões em frutas visando garantir a redução de contaminantes químicos

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Integrante / Daniel Terao - Coordenador.
Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - CPATSA - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Purificação de moléculas eliciadoras de respostas de defesa em plantas ou com atividade anticrobiana contra patógenos vegetais.

Descrição: A busca por substâncias que apresentem atividade biológica nas mais variadas áreas da ciência pode fornecer material para pesquisas relacionadas à biologia estrutural de moléculas, um campo de estudo que se encontra carente de pesquisadores e pesquisas. A descoberta de novas moléculas presentes em plantas e microrganismos, pode gerar conhecimentos científicos que impulsionem diversas áreas do conhecimento, como por exemplo, a agricultura, a medicina humana e animal, entre outras. A utilização de moléculas, com efetiva aplicação em atividades econômicas, nesse primeiro momento pode abrir espaço para uma demanda científica que se encontra em franco desenvolvimento que é a biologia estrutural, ou seja, o estudo de moléculas quanto ao aspecto estrutural, de constituição e de função biológica. Pode-se vislumbrar, em curto período de tempo, a necessidade da determinação da estrutura de moléculas capazes de ativar mecanismos de defesa em plantas, presentes em agentes fitoterápicos, ou ainda, capazes de interferir no ataque de insetos, melhorar a nutrição animal e humana, entre tantas outras possibilidades. Com a identificação e purificação de moléculas capazes de induzir resistência em plantas ou inibir o desenvolvimento de patógenos vegetais, torna-se possível o desenvolvimento de novos produtos reconhecidamente com reduzido impacto ambiental. Dessa forma, pode-se contribuir com a redução da utilização de agrotóxicos atualmente comercializados no País, que apresentam alto impacto ao ambiente além de possibilitar um aumento na oferta de novas alternativas de manejo de doenças de plantas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Coordenador / Vanessa Polon Donzeli - Integrante / Emanuelly Lidiany Gomes da Trindade - Integrante / Juliana de Souza Granja - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Estratégias fitossanitárias para o cancro-bacteriano no agronegócio da videira no Vale do Submédio São Francisco

Descrição: Devido à grande importância da vitivinicultura para a região semi-árida brasileira e visando manter os atuais mercados de exportação, assim como conquistar novos mercados internacionais, é necessária a melhoria da qualidade fitossanitária da uva produzida no Vale do Submédio São Francisco. Esta qualidade será obtida, principalmente, pela redução de perdas ocasionadas por fitopatógenos e avaliação de métodos eficientes para a detecção dessa praga quarentenária de modo a eliminar a possibilidade da mesma atravessar as barreiras fitossanitárias quando da comercialização para outros estados do Brasil, onde ainda não existe, ou para o exterior. Desta forma, pretende-se que o presente projeto proporcione soluções para o problema do cancro-bacteriano, reunindo esforços entre pesquisa, Agências de Defesa Sanitária estaduais e Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento para aumentar a competitividade do agronegócio da vitivinicultura no Vale do Submédio São Francisco..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Integrante / Maria Angélica Guimarães Barbosa - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Carvão da cana-de-açúcar: controle alternativo com indutores abióticos, caracterização de genes expressos na indução de resistência e atividade de proteinas de defesa na planta

Descrição: Os problemas fitossanitários que afetam a cana-de-açúcar constituem fatores limitantes a uma maior produtividade agrícola, principalmente nos estados produtores da região Nordeste. O carvão da cana-de-açúcar é uma das doenças que pode causar até 100% de perda em variedades mais suscetíveis. O método de controle mais eficiente é a utilização de variedades resistentes. Este método, portanto, exclui o cultivo de variedades com características de alta produtividade suscetíveis a doença. Assim sendo, o desenvolvimento de métodos alternativos de controle pode permitir o cultivo de variedades mais produtivas em áreas de ocorrência do carvão. Nesse contexto, a indução de resistência, que consiste na ativação de mecanismos naturais de defesa das plantas, é uma proposta promissora para o controle do carvão da cana-de-açúcar. A resistência induzida envolve mecanismos de defesa estruturais e bioquímicos controlados geneticamente. Em função disto, nos diversos patossistemas, há necessidade de estudos complementares que esclareçam os mecanismos bioquímicos e genes envolvidos na produção de substâncias que tornam as plantas resistentes. Estes estudos possibilitarão a geração de tecnologias que aumentem a eficiência de controle da doença, contribuindo para elevação dos níveis de produtividade da cultura da cana-de-açúcar..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Integrante / Rildo Sartori Barbosa Coêlho - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Investigação proteômica no tomateiro submetido à inoculação com o Fusarium oxysporum f. sp. lycopersici

Descrição: Apesar da importância socioeconômica do tomateiro, a cultura apresenta um aspecto nômade devido ao acúmulo de inóculo de patógenos de solo, como Fusarium oxysporum f. sp. lycopersici, agente da murcha-de-fusário. A resistência genética tem sido apontada como a melhor estratégia para o manejo desta doença fúngica. A identificação de genes tem contribuído para nossa compreensão do mecanismo de defesa de plantas à patógenos. Entretanto, mudanças transcricionais não refletem a totalidade das regulações dos processos celulares, uma vez que processos pós-transcricionais, alterando a quantidade de proteína ativa, como a síntese, modificação e a degradação de proteínas, não são levadas em consideração, podendo haver um aumento drástico no proteoma sem um aumento concomitante expressão gênica. Assim, abordagens complementares como o estudo de proteomas podem ajudar a identificar as proteínas relacionadas na interação planta-patógeno. Propõe-se com esse projeto, identificar e caracterizar proteínas envolvidas no mecanismo de resistência no tomateiro submetido ao ataque de fusário. Uma vez identificadas proteínas que participem dessas respostas da planta, a expressão dos respectivos genes será analisada por PCR em tempo real. Esse projeto faz parte de um projeto mais amplo que visa o desenvolvimento de uma cultivar superexpressando genes de resposta à defesa a fitopatógenos, que poderá resultar em uma maior resistência a doença causada por Fusarium..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Integrante / Márcia Vanusa da Silva - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Racionalização no uso de agroquímicos e eficiência de indutores de resistência bióticos e abióticos no controle de podridões pós-colheita em frutos de manga, no submédio são francisco.

Descrição: cultura da mangueira (Mangifera indica L.) se destaca na região do Submédio São Francisco pelo grande volume de mangas exportadas para vários mercados, contribuindo com divisas para o país e importância social para o Dipolo Petrolina,PE-Juazeiro,BA. Sendo que nos últimos anos problemas fitossanitários, como podridões pós-colheita têm acometido essa cultura, causando sérios prejuízos aos produtores. Dentre os problemas se destacam a podridão peduncular causada pelo fungo Lasiodiplodia theobromae (Pat.) Griffin & Maulb e a antracnose causada pelo fungo Colletotrichum gloeosporioides Penz, ambos bastante beneficiados pelo clima quente e úmido apresentado no primeiro semestre do ano, proveniente da irrigação, utilizada em pomares comerciais, da região. Assim, com o objetivo de minimizar a ação desses fungos na pré-colheita de manga será realizado no Laboratório de Fitopatologia e em casa de vegetação do Departamento de Tecnologia e Ciências Sociais DTCS, da Universidade do Estado da Bahia UNEB, em Juazeiro, BA; e em campo de produção de manga da Fazenda Nova Fronteira Agrícola, situada no município de Juazeiro-BA, realizado um estudo através da utilização de indutores de resistência abióticos e bióticos, visando a redução da severidade das doenças em frutos de manga, bem como pretende-se caracterizar os mecanismos de defesa envolvidos na indução de resistência elicitada por estes indutores, nas doenças em manga, no laboratório de Bioquímica, da Univasf. . .
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Coordenador / Ana Rosa Peixoto Nascimento - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.
2007 - 2009
Implantação do Instituto de Pesquisas de Substâncias Bioativas - IPESB

Descrição: O projeto visa a construção de um bloco de laboratórios e de uma casa-de-vegetação na Universidade Federal do Vale do São Francisco - UNIVASF - Campus Juazeiro, e aquisição de equipamentos para a realização de pesquisas sobre substâncias bioativas presentes em materiais de origem vegetal, bacteriana, fúngica e ainda sintéticos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Coordenador.
Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro.
2006 - 2008
Prospecção de plantas para utilização como indutor de resistência/biodefensivo no semi-árido nordestino

Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Leonardo Sousa Cavalcanti - Coordenador.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia - Auxílio financeiro.


Revisor de periódico


2005 - Atual
Periódico: Ciência Rural


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade/Especialidade: Fitopatologia.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
Oliveira, H.P.2013Oliveira, H.P. ; COSTA, M. M. ; CAVALCANTE, N. B. ; NASCIMENTO, I. K. S. ; PASCHOLATI, S. F. ; GUSMAO, L. F. P. ; Cavalcanti, L.S. . Antimicrobial activity of silver nanoparticles synthesized by the fungus Curvularia inaequalis. African Journal of Biotechnology, v. 12, p. 2917-2923, 2013.

2.
BORGES, I. V.2013BORGES, I. V. ; PEIXOTO, A. R. ; CAVALCANTI, L. S. ; LIMA, M. A. G. ; SILVA, M. S. E. . Extratos de Jurema-preta no controle de mancha-de-alternaria em melancia. Revista Caatinga (UFERSA. Impresso), v. 26, p. 36-45, 2013.

3.
Moura, M.D2012Moura, M.D ; PEIXOTO, A. R. ; CAVALCANTI, L. S. . Potencial De produtos abióticos como indutores de resistência no controle de podridões pós-colheita em manga, no Submédio São Francisco. Revista Caatinga (UFERSA. Impresso), v. 25, p. 2, 2012.

4.
PEIXOTO, A. R.2011PEIXOTO, A. R. ; CAMARGO, R. B. ; TERAO, D. ; CAVALCANTI, L. S. . FUNGOS CAUSADORES DE PODRIDÕES PÓS-COLHEITA EM UVAS APIRÊNICAS NO PÓLO AGRÍCOLA DE JUAZEIRO-BA E PETROLINA-PE. Revista Caatinga (UFERSA. Impresso), v. 24, p. 15-19, 2011.

5.
GOMES, E. C. S.2011GOMES, E. C. S. ; LEITE, R. P. ; SILVA, F. J. A. ; CAVALCANTI, L. S. ; NASCIMENTO, L. C. ; SILVA, S. M. . Manejo do mílido e ferrugem em videira com indutores de resistência: produtividade e qualidade pós-colheita. Tropical Plant Pathology (Impresso), v. 36, p. 332, 2011.

6.
Bedor, C.N.G.2010Bedor, C.N.G. ; Morais, R.J.L. ; CAVALCANTI, L. S. ; Ferreira, J.V. ; Pavão, A.C. . Carcinogenic potential of endosulfan and its metabolites based on a quantum chemical model. Science of the Total Environment, p. 6281-6284, 2010.

7.
Athayde Sobrinho, C.2007Athayde Sobrinho, C. ; BRUNELLI, K. R. ; CAVALCANTI, L. S. ; FERREIRA, P. T. O. ; MENTEN, J. O. M. . EFFECT OF DIFFERENT DISCS OF HOSTS LEAVES ON THE SPORULATION. Naturalia (São José do Rio Preto), v. 28/30, p. 19-23, 2007.

8.
RESENDE, M. L. V.2006RESENDE, M. L. V. ; ARAUJO, D. V. ; COSTA, J. C. D. ; DEUNER, C. C. ; FERREIRA, J. B. ; MUNIZ, M. F. S. ; MIRANDA, J. C. ; REIS, S. N. ; SANTOS, F. S. ; CAVALCANTI, L. S. ; NOJOSA, G. B. A. . Produtos comerciais à base bioindutores de resistência em plantas. Revisão Anual de Patologia de Plantas, v. 14, p. 363-382, 2006.

9.
CAVALCANTI, L. S.;Cavalcanti, L.S.2005 CAVALCANTI, L. S. ; RESENDE, M. L. V. . Efeito da época de aplicação e dosagem do acibenzolar-S-metil na indução de resistência à murcha-de-Verticillium em plântulas de cacaueiro. Fitopatologia Brasileira, Brasília, v. 30, p. 67-71, 2005.

10.
BRUNELLI, K. R.2005BRUNELLI, K. R. ; Athayde Sobrinho, C. ; CAVALCANTI, L. S. ; FERREIRA, P. T. O. ; CAMARGO, L. E. A. . Germinação e penetração de Stenocarpella macrospora em folhas de milho. Fitopatologia Brasileira, Fortaleza, v. 30, n.2, p. 187-190, 2005.

11.
CAVALCANTI, L. S.;Cavalcanti, L.S.2002 CAVALCANTI, L. S. ; COÊLHO, R. S. B. ; PEREZ, J. O. . Utilização de diferentes métodos de inoculação na avaliação da resistência de cultivares e linhagens de feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) a Fusarium oxysporum f. sp. phaseoli. Ciência Rural, Santa Maria, RS, v. 32, n.1, p. 1-5, 2002.

12.
CAVALCANTI, L. S.;Cavalcanti, L.S.2002 CAVALCANTI, L. S. ; COÊLHO, R. S. B. ; PEREZ, J. O. . Reação de cultivares de batata-doce à podridão-do-pé em condições de campo. Ciência Rural, Santa Maria, RS, v. 32, n.5, p. 699-701, 2002.

13.
RESENDE, M. L. V.2002 RESENDE, M. L. V. ; NOJOSA, G. B. A. ; CAVALCANTI, L. S. ; PEREZ, J. O. ; SILVA, L. H. C. P. . Induction of resistance in cocoa against Crinipellis perniciosa and Verticillium dahliae by acybenzolar-S-methyl (ASM). Plant Pathology, London, v. 51, p. 621-628, 2002.

14.
MENEZES, G. C.2001MENEZES, G. C. ; COÊLHO, R. S. B. ; CAVALCANTI, L. S. . Herança da resistência da cultivar RH 3104 de feijoeiro a Fusarium oxysporum f. sp. phaseoli.. Caderno Ômega, Recife, v. 9, p. 73-76, 2001.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
CAVALCANTI, L. S. (Org.) ; PIERO, R. M. (Org.) ; CIA, P. (Org.) ; PASCHOLATI, S. F. (Org.) ; RESENDE, M. L. V. (Org.) ; ROMEIRO, R. S. (Org.) . Indução de resistência em plantas a patógenos e insetos. 1. ed. Piracaicaba: Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz - FEALQ, 2005. v. 1. 263p .

Capítulos de livros publicados
1.
CAVALCANTI, L. S. ; DONZELI, V. P. . Plantas e Microrganismos da Caatinga no Controle de Patologias Vegetais. In: Márcia Vanusa da Silva, Alexandre José Macedo; Patrícia M. G. Paiva; Luana Cassandra; Israel Jacob R. Baumvol. (Org.). A Caatinga e Seu Potencial. 1ed.Recife: Editora Universitária UFPE, 2013, v. 1, p. 63-87.

2.
Athayde Sobrinho, C. ; FERREIRA, P. T. O. ; CAVALCANTI, L. S. . Indutores abióticos. In: Cavalcanti, L.S.; Di Piero, R.M.; Cia, P.; Pascholati, S.F.; Resende, M.L.V.; Romeiro, R.S.. (Org.). Indução de resistência a patógenos e insetos. 1ed.Piracicaba: FEALQ, 2005, v. 1, p. 51-80.

3.
CAVALCANTI, L. S. ; BRUNELLI, K. R. ; STANGARLIN, J. R. . Aspectos bioquímicos e moleculares da resistência induzida. In: Cavalcanti, L.S.; Di Piero, R.M.; Cia, P.; Pascholati, S.F.; Resende, M.L.V.; Romeiro, R.S.. (Org.). Indução de resistência em plantas a patógenos e insetos. 1ed.Piracicaba: FEALQ, 2005, v. 1, p. 81-124.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, L. O. ; DONZELI, V. P. ; QUEIROZ, S. O. P. ; CAVALCANTI, L. S. . Levantamento e caracterização morfológica de isolados de Pseudomonas spp. Fluorescentes presentes em solos salinos em perímetros irrigados do submédio São Francisco.. In: III Jornada de Iniciação Científica da UNIVASF, 2008, Juazeiro. Anais da III Jornada de Iniciação Científica, 2008, Juazeiro, BA. Petrolina, PE: UNIVASF, 2008.

2.
Athayde Sobrinho, C. ; CAVALCANTI, L. S. ; BRUNELLI, K. R. ; MENTEN, J. O. M. . Dinâmica de Fenilalanina Amônia-Liase e peroxidases em feijão-caupi tratado com Acibenzolar-S-metil. In: Congresso Nacional de Feijão-Caupi CONAC, 2006, Tersina, PI. Anais do Congresso Nacional de Feijão-Caupi. Teresina, PI: EMBRAPA Meio-Norte, 2006. v. 1.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MORAIS, R. J. L. ; CAVALCANTI, L. S. ; PAVAO, A. C. ; FERREIRA, J. V. ; Bedor, C.N.G . Potencial carcinogênico do Endosulfan e seus metabólitos pelo modelo Químico Quântico. In: XLIX Congresso Brasieliro de Química, 2009, Porto Alegre. Anais do XLIX Congresso Brasieliro de Química, 2009.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Alencar Filho, J.M.T. ; OLIVEIRA, F. R. ; NUNES, X.P. ; Cavalcanti, L.S. ; ALMEIDA, J. R. G. S. ; ARAÚJO, E. C. C. . FENÓIS TOTAIS E ATIVIDADE ANTIOXIDANTE DE CROTON HELIOTROPIIFOLIUS KUNTH E ERYTHROXYLUM SUBROTUNDUM ST. HIL... In: XXI Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2010, João Pessoa. Livro de Resumos do XXI Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil., 2010.

2.
TRINDADE, E. L. G. ; GRANJA, J. S. ; Costa, N.B.S. ; AZEVEDO, T. P. ; SANTO, F. S. E. ; CAVALCANTI, L. S. . Efeito de extratos vegetais de plantas da caatinga na indução de fitoalexinas em sorgo. In: Congresso Paulista de Fitopatologia, 2009, 2008. Summa Phytopathologica, 2009. v. 35.

3.
SANTOS, L. O. ; DONZELI, V. P. ; QUEIROZ, S. O. P. ; CAVALCANTI, L. S. . Antagonismo de Pseudomonas spp. fluorescentes a Alternaria brassicicola. In: Congresso Paulista de Fitopatologia, 2009, São Pedro, SP. Summa Phytopathologica, 2009. v. 35.

4.
Silva, T. D. ; SILVA, M. L.R. B. ; ALMEIDA, C. M. A. ; BRITO, J. Z. ; CAVALCANTI, L. S. ; CORREIA, M. T. S. ; SILVA, M. V. . Análise proteômica no tomateiro submetido à inoculação com Fusarium oxysporum f. sp. lycopersici. In: XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 2009, Rio de Janeiro, RJ. Anais do XLII Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 2009.

5.
Pinto, D. S ; TOMAZ, A. C. A. ; NUNES, X.P. ; MESQUITA, R. F. ; ALMEIDA, J. R. G. S. ; CAVALCANTI, L. S. ; Dias, C.S. ; Cunha, E. V. L. da . Antioxidant activity of Richardia brasiliensis Gomes. In: XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2008, São Paulo, SP. Anais do XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2008., 2008.

6.
CABRAL, A. G. S ; NUNES, X.P. ; Leal, S. S. ; MESQUITA, R. F. ; ALMEIDA, J. R. G. S. ; CAVALCANTI, L. S. ; Agra, M. F. ; Barbosa Filho, J. M. . Antioxidant activity of vegetal extracts of Erythrina velutina Willd. In: XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2008, São Paulo, SP. Anais do XX Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2008.

7.
CAVALCANTI, L. S. ; LIMA, C. N. ; DONZELI, V. P. ; SANTO, F. S. E. ; TRINDADE, E. L. G. . Purificação parcial de flavonóide de Caesalpinea ferrea com atividade eliciadora de fitoalexinas em sorgo. In: XII Congresso Latino-Americano de Cromatografia, 2008, Florianópolis. Anais do XII Congresso Latino Americano de Cromatografia, 2008.

8.
RAMOS, L. O. ; SENA, C. D. ; CAVALCANTI, L. S. ; Bedor, C.N.G . Potencial mutagênico dos agrotóxicos vendidos na região submédia do vale do são Francisco. In: XVII ENGENE - Encontro de Genética do Nordeste, 2006, Recife. Anais do XVII ENGENE - Encontro de Genética do Nordeste, 2006.

9.
CAVALCANTI, L. S. ; WULFF, N. A. ; PASCHOLATI, S. F. . Purificação de uma celulase de Xylella fastidiosa. In: XXXVI Congresso Paulista de Fitopatologia, 2005, São Paulo. Summa Phytopathologica, 2005. v. 31.

10.
SALOMAO, M. S. ; ALMEIDA, N. S. ; SOARES, A. C. F. ; GARRIDO, M. S. ; CAVALCANTI, L. S. ; SOUSA, C. S. ; PEREZ, J. O. . Atividade das enzimas B-1,3-glucanases e peroxidases em plantas de inhame tratadas com Acibenzolar-S-metil contra Curvularia eragrostides. In: XXIV Semiário Estudantil de Pesquisa, 2005, Cruz das Almas, BA. Anais do XXIV Semiário Estudantil de Pesquisa da UFBA, 2005.

11.
Athayde Sobrinho, C. ; BRUNELLI, K. R. ; CAVALCANTI, L. S. ; MORAES, M. H. D. ; MENTEN, J. O. M. . Patogenicidade de isolados de Macrophomina phaseolina. In: XXXVI Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 2004, Gramado, RS. Fitopatologia Brasileira. Brasília, DF: Sociedade Brasileira de Fitopatologia, 2004. v. 29. p. S68-S68.

12.
BRUNELLI, K. R. ; Athayde Sobrinho, C. ; CAVALCANTI, L. S. ; FERREIRA, P. T. O. ; CAMARGO, L. E. A. . Germinação e penetração de Cercospora zeae-maydis em folha de milho. In: XXVII Congresso Paulista de Fitopatologia, 2004, Campinas, SP. Summa Phytopathologica. Botucatu: Grupo Paulista de Fitopatologia, 2004. v. 30. p. 90.

13.
Athayde Sobrinho, C. ; BRUNELLI, K. R. ; CAVALCANTI, L. S. ; FERREIRA, P. T. O. . Efeito de discos foliares de diferentes hospedeiros sobre a esporulação de Macrophomina phaseolina. In: XXVI Congresso Paulista de Fitopatologia, 2003, Araras, SP. Summa Phytopathologica. Botucatu, SP: Grupo Paulista de Fitopatologia, 2003. v. 29. p. 79.

14.
MELLO, M. B. A. ; FIALHO, M. B. ; CAVALCANTI, L. S. ; MASSOLA JR., N. S. . Caracterização patogênica, isoenzimática e sensibilidade a Benomyl de isolados de Colletotrichum gloeosporioides de hortaliças solanáceas. In: XI Simpósio internacional de iniciação científica da USP - SINCUSP, 2003, Piracicaba, SP. Anais do XI Simpósio internacional de iniciação científica da USP - SINCUSP, 2003. p. 22.

15.
BRUNELLI, K. R. ; Athayde Sobrinho, C. ; CAVALCANTI, L. S. ; FERREIRA, P. T. O. . Análises microscópicas da germinação de Diplodia macrospora. In: XXXV Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 2002, Recife, PE. Fitopatologia Brasileira. Brasília, DF: Sociedade Brasileira de Fitopatologia, 2002. v. 27. p. S88.

16.
CAVALCANTI, L. S. ; ISHIDA, A. K. N. ; SOUZA, R. M. . Levantamento da ocorrência de Xylella fastidiosa na região Sul de Minas. In: XXIV Congresso Paulista de Fitopatologia, 2001, Piracicaba, SP. Summa Phytopathologica. Botucatu, SP: Grupo Paulista de Fitopatologia, 2001. v. 27. p. 117.

17.
RESENDE, M. L. V. ; NOJOSA, G. B. A. ; CAVALCANTI, L. S. ; AGUILLAR, M. A. G. ; SILVA, L. H. C. P. ; PEREZ, J. O. ; NIELLA, G. O. ; CARVALHO, G. A. ; CASTRO, R. M. . Induction to broad spectrum resistance in cocoa against Crinipellis perniciosa and Verticillium dahliae by acibenzolar-S-methyl. In: International Symposium of Durable Disease Resistance, 2000, Wageningen. Books of Abstracts of International Symposium of Durable Disease Resistance, 2000. v. 1. p. 28.

18.
CAVALCANTI, L. S. ; RESENDE, M. L. V. ; NOJOSA, G. B. A. ; ANDRADE, G. C. G. ; PEREZ, J. O. ; GARCIA, P. B. . Indução de respostas de defesa a Verticillium dahliae em plântulas de cacaueiro por benzotiadiazole. In: XXXIII Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 2000, Belém, PA. Fitopatologia Brasileira. Brasília, DF: Sociedade Brasileira de Fitopatologia, 2000. v. 25. p. 458.

19.
CAVALCANTI, L. S. ; RESENDE, M. L. V. . Efeito da época de aplicação e dosagem de benzotiadiazole na indução de resistência a Verticillium dahliae em plântulas de cacaueiro. In: XXXIII Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 2000, Belém, PA. Fitopatologia Brasileira. Brasília, DF: Sociedade Brasileira de Fitopatologia, 2000. v. 25. p. 458.

20.
PEREZ, J. O. ; RESENDE, M. L. V. ; CAVALCANTI, L. S. ; VILAS BOAS, C. H. . Expressão de incompatibilidade somática de isolados miceliais de Crinipellis perniciosa provenientes de diferentes hospedeiros. In: XXXIII Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 2000, Belém, PA. Fitopatologia Brasileira. Brasília, DF: Sociedade Brasileira de Fitopatologia, 2000. v. 25. p. 455-456.

21.
CAVALCANTI, L. S. ; RESENDE, M. L. V. . Indução de resistência em plantas de cacaueiro a Vertcillium dahliae por Crinipellis perniciosa. In: XXIII Congresso Paulista de Fitopatologia, 2000, Campinas, SP. Summa Phytopathologica. Botucatu, SP: Grupo Paulista de Fitopatologia, 2000. v. 26. p. 113.

22.
ANDRADE, G. C. G. ; CAVALCANTI, L. S. ; RESENDE, M. L. V. . Extração e purificação de compostos pós-formados na interação vassoura-de-bruxa x cacaueiro. In: XIII Congresso de Iniciação Científica da UFLA, 2000, Lavras, MG. Anais do XIII Congresso de Iniciação Científica da UFLA, 2000. p. 246.

23.
PEREZ, J. O. ; COÊLHO, R. S. B. ; CAVALCANTI, L. S. . Variabilidade de Macrophomina phaseolina e reações em cultivares e linhagens de feijoeiro no Estado de Pernambuco. In: XXXI Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 1998, Fortaleza, CE. Fitopatologia Brasileira. Brasília: Sociedade Brasileira de Fitopatologia, 1998. v. 23. p. 268-269.

24.
CAVALCANTI, L. S. ; COÊLHO, R. S. B. ; PEREZ, J. O. . Comparação de métodos de inoculação na avaliação da resistência de genótipos de feijoeiro (Phaseolus vulgaris) a Fusarium oxysporum f. sp. phaseoli. In: XXX Congresso Brasileiro de Fitopatologia, 1997, Poços de Caldas, MG. Fitopatologia Brasileira. Brasília, DF: Fitopatologia Brsileira, 1997. v. 22. p. 255.

25.
CAVALCANTI, L. S. ; COÊLHO, R. S. B. . Reação de cultivares de batata-doce (Ipomoea batatas (L.) Lam.) a podridão-do-pé (Plenodomus destruens Harter) em condiçãoes de campo. In: VI Congresso de Iniciação Científica da UFRPE, 1996, Recife, PE. Anais do VI Congresso de Iniciação Científica da UFRPE. Recife, PE: UFRPE, 1996. p. 61.

26.
CAVALCANTI, L. S. ; COÊLHO, R. S. B. . Crescimento micelial de Cercospora Cruenta Sacc. em diferentes meios de cultura. In: V Congresso de Iniciação Científica da UFRPE, 1995, Recife, PE. Anais do V Congresso de Iniciação Científica da UFRPE. Recife, PE: UFRPE, 1995. p. 67.

Apresentações de Trabalho
1.
BORGES, I. V. ; CAVALCANTE, N. B. ; MAIA, T. S. ; NASCIMENTO, I. K. S. ; CAVALCANTI, L. S. . Utilização de extratos de Mimosa tenuiflora no controle de oídio em melancia. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
Alencar Filho, J.M.T. ; OLIVEIRA, F. R. ; NUNES, X.P. ; Cavalcanti, L.S. ; ALMEIDA, J. R. G. S. ; ARAÚJO, E. C. C. . FENÓIS TOTAIS E ATIVIDADE ANTIOXIDANTE DE CROTON HELIOTROPIIFOLIUS KUNTH E ERYTHROXYLUM SUBROTUNDUM ST. HIL.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
MORAIS, R. J. L. ; CAVALCANTI, L. S. ; FERREIRA, J. V. ; PAVAO, A. C. ; Bedor, C.N.G . Potencial carcinogênico do Endosulfan e seus metabólitos pelo modelo Químico Quântico. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
PASCHOLATI, S. F. ; CAVALCANTI, L. S. ; LIMA, G.S.A . Curso sobre Fisiologia do Parasitismo em Fitopatologia. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
PASCHOLATI, S. F. ; CAVALCANTI, L. S. ; LIMA, G.S.A . Curso sobre Fisiologia do Parasitismo em Fitopatologia. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Cavalcanti, L.S.; DONZELI, V. P.; Oliveira, H.P.. Participação em banca de Noelly Bastos Cavalcante. ATIVIDADE ANTIBACTERIANA E ANTIFÚNGICA DE NANOPARTÍCULAS DE PRATA PRODUZIDAS POR Curvularia inaequalis (Shear) Boedijn. 2014. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais do Semiárido) - Universidade Federal do Vale do São Francisco.

Teses de doutorado
1.
CAVALCANTI, L. S.. Participação em banca de Daniel Oliveira Jordão do Amaral. Quitinases de tomateiro (Solanum lycopersicum L.): identificação, caracterização e atividade no controle do Fusarium oxysporum f. sp. lycopersici. 2012. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Pernambuco.

2.
NASCIMENTO, L. C.; CAVALCANTI, L. S.. Participação em banca de Erbs Cintra de Souza Gomes. Extrato de Allamanda blanchetti na indução de fitoalexinas em sorgo e resistência em videira Superior Seedless contra Uncinula necator. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
CAVALCANTI, L. S.; DONZELI, V. P.; GOMES, E. C. S.. Participação em banca de Juliana de Souza Granja.Efeito de extratos de Allamanda blanchetti no controle de Alternaria brassicicola em couve. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco.

2.
CAVALCANTI, L. S.. Participação em banca de Fábio da Silva do Espérito Santo.Biologia floral e reprodutiva de espécies endêmicas da caatinga e herbivoria por caprinos em área prioritária para a conservação. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
PEIXOTO, A. R.; PEREZ, J. O.; CAVALCANTI, L. S.. Corcurso Público para Fitopatologia. 2012. Universidade Federal do Vale do São Francisco.

2.
CAVALCANTI, L. S.; ANJOS, D. S. C.; OLIVEIRA, R. A.. Concurso público para Professor Efetivo - Química I Campus Ouricuri. 2010. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano.

3.
CAVALCANTI, L. S.; ANJOS, D. S. C.; OLIVEIRA, R. A.. Concurso público para Professor Efetivo - Química I Campus Petrolina. 2010. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão Pernambucano.

4.
LIMA, J. T.; CAVALCANTI, L. S.; EL-BACHA, R. S.. Concurso público para provimento do cargo de professor universitário. 2009. Universidade Federal do Vale do São Francisco.

5.
SILVA, J.A.B.; CAVALCANTI, L. S.. Concurso público para provimento de cargo de Técnico de Laboratório (ênfase em Biologia). 2009. Universidade Federal do Vale do São Francisco.

6.
LARANJEIRA, D.; Câmara, M.; CAVALCANTI, L. S.. Concurso Público para provimento de cargo de Magistério Superior - Fundamentos de Fitopatologia. 2008. Universidade Federal Rural de Pernambuco.

7.
SOARES, A. C. F.; MICHEREFF FILHO, S. J.; CAVALCANTI, L. S.. Concurso público para provimento de cargo no setor de Fitopatologia. 2006. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

8.
AMORIM, E. P. R.; CAVALCANTI, L. S.; TRINDADE, R. C. P.. Concurso público para provimento do cargo de professor adjunto do setor de estudo em Bioquímica e Virologia Vegetal.. 2006. Universidade Federal de Alagoas.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
XXXII Congresso Paulista de Fitopatologia. Antagonismo de Pseudomonas spp. fluorescentes a Alternaria brassicicola. 2009. (Congresso).

2.
IV Reunião Brasileira sobre Indução de Resistência de Plantas a Patógenos. Efeito de extratos vegetais de plantas da caatinga na indução de fitoalexinas em sorgo. 2009. (Congresso).

3.
xlix CONGRESSO BRASILEIRO DE QUÍMICA. Potencial carcinogênico do Endosulfan e seus metabólitos pelo modelo Químico Quântico. 2009. (Congresso).

4.
XII Congresso Latino Americano de Cromatografia. Purificação parcial de flavonóide de Caesalpinea ferrea com atividade eliciadora de fitoalexinas em mesocótilos de sorgo. 2008. (Congresso).

5.
I Simpósio de Plantas Medicinais do Vale do São Francisco.Comissão Científica. 2007. (Simpósio).

6.
XXVIII Congresso Paulista de Fitopatologia. XXVIII Congresso Paulista de Fitopatologia. 2005. (Congresso).

7.
I Seminário de Integração da UNIVASF. 2005. (Seminário).

8.
II Reunião Brasileira de Indução de Resistência e IV Simpósio de Controle de Doenças de Plantas.II Reunião Brasileira de Indução de Resistência e IV Simpósio de Controle de Doenças de Plantas. 2004. (Encontro).

9.
I Simpósio de Biologia molecular da resistência de plantas a patógenos.I Simpósio de Biologia Molecular da Resistência de plantas a patógenos. 2002. (Simpósio).

10.
I Reunião Brasileira Sobre Indução de Resistência em Plantas Contra Fitopatógenos.I Reunião Brasileira Sobre Indução de Resistência em Plantas Contra Fitopatógenos. 2002. (Encontro).

11.
XXXIV Congresso Brasileiro de Fitopatologia. XXXIV Congresso Brasileiro de Fitopatologia. 2001. (Congresso).

12.
Xi Congresso Latino Americano de Fitopatologia. XI Congresso Latino-Americano de Fitopatologia. 2001. (Congresso).

13.
Curso de Difusão Cultural - Curso Introdutório de Microscopia Eletrônica de Transmissão.13º Curso Introdutório de Microscopia Eletrônica deTransmissão. 2001. (Outra).

14.
XXII Congresso Paulista de Fitopatologia e VI Reunião de Controle Biológico de Doenças de Plantas. XXII Congresso Paulista de Fitopatologia e VI Reunião de Controle Biológico de Doenças de Plantas. 2000. (Congresso).

15.
XXXIII Congresso Brasileiro de Fitopatologia. XXXIIICongresso Brasileiro de Fitopatologia. 2000. (Congresso).

16.
Plantas Transgênicas - Desafios e Perspectivas par o Terceiro Milênio.Plantas Transgênicas - Desafios e Perspectivas par o Terceiro Milênio. 1999. (Simpósio).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Noelly Bastos Cavalcante. Bioprospecção de fungos sapróbios no PPBIO/ semi-árido nordestino para o controle de doenças da videira. Início: 2011. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais do Semiárido) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Noelly Bastos Cavalcante. ATIVIDADE ANTIBACTERIANA E ANTIFÚNGICA DE NANOPARTÍCULAS DE PRATA PRODUZIDAS POR Curvularia inaequalis (Shear) Boedijn. 2014. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais do Semiárido) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

Tese de doutorado
1.
Erbs Cintra de Souza Gomes. EXTRATO DE Allamanda blanchetti NA INDUÇÃO DE FITOALEXINAS EM SORGO E RESISTÊNCIA EM VIDEIRA SUPERIOR SEEDLESS CONTRA Uncinula necato. 2011. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal da Paraíba, . Co-Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Juliana de Souza Granja. Efeito de extratos de Allamanda blanchetti no controle de Alternaria brassicicola em couve manteiga. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

2.
Leila Oliveira Santos. Indução de resistência em videira a Xanthomonas campestris pv. viticola. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

Iniciação científica
1.
Juliana de Souza Granja. Purificação de moléculas eliciadoras de respostas de defesa em plantas ou com atividade anticrobiana contra patógenos vegetais. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

2.
Thaís Pereira de Azevedo. Purificação de moléculas eliciadoras de respostas de defesa em plantas ou com atividade anticrobiana contra patógenos vegetais. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

3.
Ismara de Kassia Sousa Nascimento. Efeito de fungos do semiárido Nordestino no controle de míldio (Plasmopara viticola) da videira. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

4.
Thiago Silva Maia. Efeito de fungos do semiárido nordestino no controle de oídio (Uncinula necator) da videira.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

5.
Juliana de Souza Granja. Atividade eliciadora de resistência de extratos de plantas da caatinga sobre Alternaria brassicicola, para o controle da alternariose da couve. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

6.
Thaís Pereira de Azevedo. Atividade de moléculas eliciadoras de respostas de defesa presentes em extratos de plantas da caatinga sobre Xanthomonas campestris pv. Campestris, no controle do cranco bacteriano da videira.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

7.
Nyegirton Barreiros dos Santos Costa. Determinação do efeito dos tratamentos físicos na indução de resistência em frutos de uva, melão e manga no Vale do São Francisco. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

8.
Emanuelly Lidiany Gomes da Trindade. Prospecção de plantas para utilização como indutor de resistência/biodefensivo. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

9.
Juliana de Souza Granja. Efeito de indutores de resistência em doenças de pós-colheita em frutos de melão, uva e manga. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

10.
Thaís Pereira de Azevedo. Determinação do efeito dos tratamentos físicos na indução de resistência em frutos de uva, melão e manga no Vale do São Francisco. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Agrícola e Ambiental) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

11.
Emanuelly Gomes da Trindade. Prospecção de plantas para utilização como indutor de resistência/biodefensivo no semi-arido nordestino. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.

12.
Emanuelly Lidiany Gomes da Trindade. Prospecção de plantas para utilização como indutor de resistência/biodefensivo. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia de Produção) - Universidade Federal do Vale do São Francisco, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Leonardo Sousa Cavalcanti.



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
CAVALCANTI, L. S. ; DONZELI, V. P. . Plantas e Microrganismos da Caatinga no Controle de Patologias Vegetais. In: Márcia Vanusa da Silva, Alexandre José Macedo; Patrícia M. G. Paiva; Luana Cassandra; Israel Jacob R. Baumvol. (Org.). A Caatinga e Seu Potencial. 1ed.Recife: Editora Universitária UFPE, 2013, v. 1, p. 63-87.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/04/2014 às 13:18:44