Homero Silveira Santiago

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0645064160582827
  • Última atualização do currículo em 13/10/2018


Possui graduação em Filosofia pela Universidade de São Paulo(1997), mestrado em Filosofia pela Universidade de São Paulo(2000), doutorado em Filosofia pela Universidade de São Paulo(2003), ensino-fundamental-primeiro-graupela E.E.P.G. Leopoldo Gentil Júnior(1986), ensino-fundamental-primeiro-graupela E.E.P.S.G. Pres. Franklin D. Roosevelt(1981), ensino-fundamental-primeiro-graupela E.E.P.G. Profa. Celda Mello de Oliveira(1988), ensino-fundamental-primeiro-graupela Escola do Sítio do Pica-Pau Amarelo(1982), ensino-medio-segundo-graupela E.E.P.S.G. de Urubupungá(1991) e ensino-medio-segundo-graupela E.E.P.S.G. Cel. Francisco Schmidt(1990). Atualmente é Professor Associado da Universidade de São Paulo, Membro de corpo editorial da Revista Conatus, Revisor de periódico da Cadernos de Ética e Filosofia Política (USP), Revisor de periódico da Cadernos Espinosanos (USP), Membro de corpo editorial da Revista Exagium, Colaborador da Autêntica Editora, Colaborador da Autêntica Editora e Membro de corpo editorial da Giornale critico di storia delle idee. Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em História da Filosofia. Atuando principalmente nos seguintes temas:Servidão, Liberdade, Possível, Determinação. (Texto gerado automaticamente pela aplicação CVLattes)


Identificação


Nome
Homero Silveira Santiago
Nome em citações bibliográficas
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.
Av. Prof. Luciano Gualberto, 315 Departamento de Filosofia
Cidade Universitária
05508900 - São Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30913761
Fax: (11) 30912431
URL da Homepage: http://www.fflch.usp.br/df/site/


Formação acadêmica/titulação


2001 - 2003
Doutorado em Filosofia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: O uso e a regra. Ensaio sobre a gramática espinosana, Ano de obtenção: 2004.
Orientador: Marilena de Souza Chaui.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Imanência; Método geométrico; Espinosismo; Racionalidade; Experiência; Gramática.
Grande área: Ciências Humanas
1998 - 2000
Mestrado em Filosofia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: A ordenação geométrica da parte I dos Princípios da filosofia cartesiana,Ano de Obtenção: 2001.
Orientador: Marilena de Souza Chaui.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Espinosa; Descartes; Método geométrico; Cartesianismo.
Grande área: Ciências Humanas
1993 - 1997
Graduação em Filosofia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
1990 - 1991
Ensino Médio (2º grau).
E.E.P.S.G. de Urubupungá, EEPSG U, Brasil.
1989 - 1990
Ensino Médio (2º grau).
E.E.P.S.G. Cel. Francisco Schmidt, EEPSG FS, Brasil.
1987 - 1988
Ensino Fundamental (1º grau).
E.E.P.G. Profa. Celda Mello de Oliveira, EEPG CMO, Brasil.
1983 - 1986
Ensino Fundamental (1º grau).
E.E.P.G. Leopoldo Gentil Júnior, EEPG LGJ, Brasil.
1982 - 1982
Ensino Fundamental (1º grau).
Escola do Sítio do Pica-Pau Amarelo, ESPPA, Brasil.
1981 - 1981
Ensino Fundamental (1º grau).
E.E.P.S.G. Pres. Franklin D. Roosevelt, EEPSG FDR, Brasil.


Livre-docência


2012
Livre-docência.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Entre servidão e liberdade, Ano de obtenção: 2012.
Palavras-chave: Servidão; Liberdade; Possível; Determinação.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia / Especialidade: Filosofia Contemporânea.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.


Formação Complementar


2009 - 2010
Estágio de pesquisa.
Universidade de Milao-Bicocca, UNIMIBicocca, Itália.
2008 - 2008
Extensão universitária em Desenho de observação. (Carga horária: 120h).
Escola de Comunicações e Artes, ECA-USP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Associado, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2004 - 2012
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Doutor, Carga horária: 0, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1994 - 1995
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Atividades

12/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Membro suplente da Congregação da FFLCH-USP.
07/2016 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ética e Filosofia Política III (Vicissitudes do autoritarismo brasileiro. Introdução ao pensamento político de Marilena Chaui)
História da Filosofia Moderna VI (Usos políticos da política espinosana)
Filosofia Geral (Espinosa leitor de Descartes: estudo de uma axiomática)
03/2016 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
História da Filosofia Moderna (Método e imanência nos Princípios da filosofia cartesiana de Espinosa)
Filosofia Geral (Entre servidão e liberdade)
01/2014 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas.

Atividade realizada
Membro do Conselho Científico da área "Corpo, sexualidades e políticas da multidão" da editora Annablume.
06/2013 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Presidente da COC (Comissão Coordenadora de Curso) do bacharelado em Filosofia.
02/2013 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Coordenador do bacharelado em Filosofia.
02/2013 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro titular da Comissão de Graduação da FFLCH-USP.
07/2011 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Membro do Conselho Consultivo da Editora da Universidade Estadual do Ceará?EdUECE.
06/2008 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas.

Atividade realizada
Assessor ad hoc da Fapesp.
09/1996 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas.

Atividade realizada
Membro do Grupo de estudos espinosanos.
07/2012 - 12/2015
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ética e Filosofia Política III (Entre servidão e liberdade)
Filosofia Geral II (Michael Hardt & Antonio Negri, Império)
Filosofia Geral (Introdução à leitura de Espinosa)
História da Filosofia Contemporânea III (Recriar o comunismo - Os trabalhos de Michael Hardt e Antonio Negri)
História da Filosofia Moderna I (O problema da superstição no espinosismo)
Questões de Ensino de Filosofia (Deleuze - O que é a filosofia?)
03/2012 - 03/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro titular da Comissão de cooperação internacional da FFLCH-USP.
09/2006 - 03/2012
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Membro suplente da Comissão de cooperação internacional da FFLCH-USP.
08/2008 - 12/2011
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ética e Filosofia Política III (O plano do capital: introdução ao operarismo italiano)
Filosofia Geral II (Introdução à leitura de Antonio Negri: Império)
Filosofia Geral III (Introdução à leitura de Antonio Negri: Multidão)
Filosofia Geral (Merleau-Ponty e o mundo percebido)
Filosofia Geral (O capital, I, cap. 1-4)
História da Filosofia Moderna I (O problema da superstição no espinosismo)
Questões de Ensino de Filosofia (A atitude filosófica)
10/2004 - 06/2008
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Coordenação da monitoria da disciplina Filosofia Geral
Filosofia Geral (Bacon e a sabedoria dos antigos)
Filosofia Geral (Espinosa, Nietzsche: o trabalho crítico)
História da Filosofia Moderna I (Espinosa, Ética, I)
História da Filosofia Moderna I (Superstição e filosofia a partir do apêndice da Ética I de Espinosa)
História da Filosofia Moderna III (Introdução à leitura do Novo órganon)
História da Filosofia Moderna III (Leitura do Novo órganon)
Introdução à Filosofia (Introdução à leitura de Espinosa)
06/2005 - 06/2007
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro da comissão de comunicação audiovisual da FFLCH-USP.
10/2005 - 07/2006
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas.

Atividade realizada
Coordenador da revista Discutindo Filosofia.
09/1994 - 07/1995
Estágios , Sistema Integrado de Bibliotecas da Usp, Biblioteca da Escola de Comunicações e Artes.

Estágio realizado
Atendimento ao usuário, catalogação e tombamento de documentos bibliográficos.

Autêntica Editora, EDIT. AUTENTICA, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador
Outras informações
Coordenador da coleção 'Escritos de Marilena Chaui', ao lado de André Menezes Rocha e Éricka Marie Itokazu. Volumes publicados: vol. 1: Contra a servidão voluntária (2013); vol. 2: Manifestações ideológicas do autoritarismo brasileiro (2013); vol. 3: A ideologia da competência (2014); vol. 4: Conformismo e resistência (2014); vol. 5: Sobre a violência (2017); vol. 6: Em defesa da educação pública, gratuita e democrática (2018).

Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador
Outras informações
Coordenador da Série Espinosana, ao lado de André Menezes Rocha e Éricka Marie Itokazu. Volumes publicados: Chantal Jaquet, A unidade do corpo e da mente. Afetos, ações e paixões em Espinosa (2011); Baruch de Espinosa, Breve tratado (2012); Baruch de Espinosa, Princípios da filosofia cartesiana e Pensamentos metafísicos (2015); Antonio Negri, Espinosa subversivo e outros escritos (2016).



Projetos de pesquisa


2017 - Atual
A ideologia brasileira: o pensamento político de Marilena Chaui
Descrição: Os trabalhos de Marilena Chaui constituem um marco na filosofia brasileira, em especial porque, forjados em estreito diálogo com as lutas e movimentos sociais, foram capaz de propor uma abordagem filosófica de questões candentes de nossa sociedade, permitindo à filosofia o pleno exercício de suas potencialidades políticas. Nossa intenção é estudar o que podemos denominar o ?pensamento político? de Chaui, identificando sua coerência e sistematicidade na tentativa de elaboração de uma espécie de ?ideologia brasileira?, no mesmo sentido em que Engels e Marx produziram uma ?ideologia alemã?, isto é, o desvendamento crítico de uma formação ideológica determinada. No caso de Chaui, trata-se para nós de rastrear, por um lado, a especificidade do Brasil como uma formação social autoritária (e não um país marcado por regimes autoritários pontuais); de outro lado, a produção de um método particular para a análise de formações ideológicas e sua crítica, o contradiscurso. É no interior dessa elaboração, ainda, que queremos compreender as pesquisas sobre cultura popular e democracia empreendidas pela filósofa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
A questão do possível no espinosismo e suas implicações em Antonio Negri
Descrição: Muito da renovação recente do pensamento político se tem baseado numa retomada de categorias espinosanas, as quais seriam dotadas de força suficiente para questionar o propalado ?fim da história?. Um caso paradigmático desse movimento de ideias é o do filósofo italiano Antonio Negri, cujas obras são atravessadas e declaradamente inspiradas pelo legado espinosano. Dado isso, perguntaríamos: como entender que um filósofo da determinação, e no qual a temática da história não é nada evidente, pode servir a pensadores que dão como tarefa principal do pensamento hodierno abrir novos horizontes de transformações possíveis? Partindo daí, nosso objetivo é investigar a questão do possível e da ação transformadora no espinosismo e na obra negriana, indagando pela coerência teórica dos vínculos que se estabelecem entre tais filosofias. Fundamentalmente, trata-se de: 1) uma investigação, no âmbito da filosofia de Espinosa, acerca do lugar e da realidade do possível e da possibilidade como modalidades determinadas do real; 2) um confronto dessas considerações com alguns dos desdobramentos atuais do espinosismo no que tange ao liame entre política e ontologia, especialmente nos trabalhos de Antonio Negri..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Homero Silveira Santiago - Coordenador / Carlos Eduardo Pereira Oliveira - Integrante / Josué Ribeiro Lima - Integrante / Catia Cristina Benevenuto de Almeida - Integrante / Cláudia Ferreira dos Santos - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 6
2009 - 2011
Ruptura e Continuidade: investigações sobre a relação entre Natureza e História a partir de sua formulação pelo Grande Racionalismo Seiscentista
Descrição: Trata-se de um convênio CAPES-MINCYT de cooperação entre a Universidade de São Paulo e a Universidad Nacional de Córdoba (Argentina). A investigação se volta para a elaboração das relações entre Natureza e História na Filosofia do Século XVII buscando não somente as concepções seiscentistas, mas também o legado sobre o qual se apoiam, bem como as críticas e retomadas das formulações dos Seiscentos na filosofia posterior, particularmente na Ilustração Francesa, no Idealismo Alemão e em alguns filósofos contemporâneos, como Nietzsche, Merleau-Ponty, Deleuze e Foucault. O ponto de partida serão as formulações renascentistas dos florentinos e dos juristas franceses, sua presença e modificações nas obras de Bacon, Espinosa, Pascal e Leibniz. O primeiro contraponto, em que a ruptura se apresenta superior à continuidade, será feito com a obra de Vico, que anuncia os trabalhos da Ilustração Francesa. Da Renascença à Ilustração, as relações entre Natureza e História não são tensas: não só a História está inserida na Natureza, como esta, pensada como artefato e artesã, está embebida na História; além disso, a ideia de natureza humana fornece a mediação necessária entre ambas. Tudo muda e a ruptura se torna patente com as obras do Idealismo Alemão, isto é, com a distinção entre Natureza e Cultura, ainda que o Romantismo pretenda retomar sua inseparabilidade, graças a uma nova Filosofia da Natureza. Tomando como referência a análise do Grande Racionalismo, por Merleau-Ponty, suas críticas ao fracasso das filosofias dialéticas e sua hipótese da possibilidade de fundar na Natureza uma nova concepção da História, algumas das pesquisas examinarão o papel dos conceitos de devir e acontecimento nas filosofias de Nietzsche e Deleuze, a ênfase na ideia de descontinuidade temporal, nas primeiras obras de Foucault, e o ressurgimento da determinação natural do histórico em suas últimas obras, dedicadas ao conceito de biopoder..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2012
Ruptura e Continuidade: Investigações sobre a relação entre Natureza e História a partir de sua formulação pelo Grande Racionalismo Seiscentista
Descrição: O projeto se volta para a elaboração das relações entre Natureza e História na Filosofia do Século XVII buscando não somente as concepções seiscentistas, mas também o legado sobre o qual se apoiam, bem como as críticas e retomadas das formulações dos Seiscentos na filosofia posterior, particularmente na Ilustração Francesa, no Idealismo Alemão e em alguns filósofos contemporâneos, como Nietzsche, Merleau-Ponty, Deleuze e Foucault. O ponto de partida serão as formulações renascentistas dos florentinos e dos juristas franceses, sua presença e modificações nas obras de Bacon, Espinosa, Pascal e Leibniz. O primeiro contraponto, em que a ruptura se apresenta superior à continuidade, será feito com a obra de Vico, que anuncia os trabalhos da Ilustração Francesa. Da Renascença à Ilustração, as relações entre Natureza e História não são tensas: não só a História está inserida na Natureza, como esta, pensada como artefato e artesã, está embebida na História; além disso, a ideia de natureza humana fornece a mediação necessária entre ambas. Tudo muda e a ruptura se torna patente com as obras do Idealismo Alemão, isto é, com a distinção entre Natureza e Cultura, ainda que o Romantismo pretenda retomar sua inseparabilidade, graças a uma nova Filosofia da Natureza. Tomando como referência a análise do Grande Racionalismo, por Merleau-Ponty, suas críticas ao ?fracasso das filosofias dialéticas? e sua hipótese da possibilidade de fundar na Natureza uma nova concepção da História, algumas das pesquisas examinarão o papel dos conceitos de devir e acontecimento nas filosofias de Nietzsche e Deleuze, a ênfase na ideia de descontinuidade temporal, nas primeiras obras de Foucault, e o ressurgimento da determinação natural do histórico em suas últimas obras, dedicadas ao conceito de biopoder..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
Cartesianismo e espinosismo: confrontações
Descrição: As relações entre cartesianismo e espinosismo constituem um dos tópicos mais ricos da filosofia do século XVII e, como sugere a ponderação leibniziana que afirma o primeiro sistema como pródromo do segundo, a tomada de posição acerca dessas relações é uma das chaves possíveis para uma avaliação mais ampla do desenvolvimento do pensamento seiscentista. Continuando uma pesquisa iniciada em nosso período de mestrado, pretendemos aprofundar o estudo das confrontações entre o pensamento de Descartes e o de Espinosa (no que se afastam e no que se aproximam) a partir de duas linhas de trabalho: 1) a realização de uma tradução dos "Princípios da filosofia cartesiana", obra de Espinosa publicada em 1663 e que se propõe a expor segundo a ordem sintética os "Princípios da filosofia" de Descartes; 2) o estudo da teoria cartesiana da livre criação das verdades eternas por Deus, de suas razões e suas consequências, bem como de sua recepção no espinosismo, via pela qual nos parece possível assinalar uma inesperada convergência entre os dois sistemas em questão..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Homero Silveira Santiago - Coordenador / Carlos Eduardo Pereira Oliveira - Integrante / Josué Ribeiro Lima - Integrante / Catia Cristina Benevenuto de Almeida - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3
2007 - 2011
Crises e anátemas da modernidade filosófica: Spinoza e Nietzsche como sismos na metafísica da subjetividade
Descrição: Spinoza e Nietzsche representam, cada um a seu modo, pedras de tropeço na marcha triunfal da racionalidade emergente na modernidade, tanto em seu apogeu, quanto no esgotamento de suas virtualidades. O projeto tem como objetivo aprofundar o estudo das relações entre esses dois pensadores, de um ponto de vista historiográfico e conceitual, assim como revisar a contribuição crítica de ambos para pensar os problemas e dilemas de nosso próprio tempo. Trata-se de um convênio Capes-Cofecub envolvendo as seguintes universidades: UFRJ, USP, Unicamp, Université d'Amiens, Université de Reims..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2008
O projeto de reforma do saber na Instauração Magna de Bacon
Descrição: Embora Bacon seja muito citado em trabalhos sobre outros autores e temas, são ainda raras no Brasil as pesquisas que examinam diretamente a sua obra. Propomos, assim, aqui, com o objetivo de desenvolver as pesquisas sobre a filosofia baconiana, examinar a reforma do saber na obra de Bacon e suas relações com os outros planos de fundamentação da ciência que caracterizaram a filosofia do século XVII. Em particular, pretendemos investigar o lugar da filosofia do homem no interior do projeto baconiano de reforma, tanto no que se refere ao estudo das paixões humanas quanto no concernente ao homem em sociedade. Este último aspecto, com efeito, põe alguns problemas. Se por um lado há vários indícios da aplicação do método baconiano da filosofia natural ao domínio da filosofia do homem ou das humanidades, tal como diz Bacon, pelo menos no que diz respeito à história como material necessário à construção da filosofia moral e civil; por outro lado, é certo que nem todas as etapas do método de interpretação da natureza convêm ao conhecimento do homem. Sem falar da questão do experimento, se consideramos que a etapa final da interpretação da natureza é a descoberta da forma das naturezas simples (uma das noções mais difíceis no pensamento de Bacon), a dificuldade da hipótese de um único método para ambos os domínios se torna ainda maior. Mas se assim for, como fica o todo do projeto de restauração, construído sobretudo sobre um novo órganon, ou seja, um novo método?.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2006
Experiência e razão no pensamento moderno
Descrição: O projeto examina um tema que, atualmente, vem ocupando os pesquisadores do pensamento seiscentista, a saber, a relação entre experiência e razão na formulação da filosofia e da ciência modernas. Para tanto, a pesquisa se distribuirá em três vertentes principais: 1) vertente epistêmica, na qual recusaremos a distinção tradicional entre empirismo e racionalismo no pensamento clássico, uma vez que o racionalismo é a marca do pensamento moderno, a diferença entre ?empiristas? e ?racionalistas? encontrando-se simplesmente no lugar que atribuem à experiência e à razão na fundamentação do conhecimento; 2) vertente ético-política, na qual examinaremos o nascimento do pensamento ético-político moderno a partir do lugar que a experiência passa a ocupar na formulação de uma teoria das ações humanas cuja racionalidade depende, justamente, da relação entre a experiência prática e sua elaboração pela razão; 3) vertente ontológica, na qual examinaremos a relação entre experiência e razão, filosofia e ciência, teoria e prática a partir da ideia de infinito positivo ou de infinito atual..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2017 - Atual
Periódico: Giornale critico di storia delle idee
2009 - Atual
Periódico: Revista Exagium
2007 - Atual
Periódico: Revista Conatus
1997 - 2003
Periódico: Cadernos Espinosanos (USP)
1997 - 1999
Periódico: Dissenso. Revista de estudantes de filosofia


Revisor de periódico


2006 - Atual
Periódico: Cadernos de Ética e Filosofia Política (USP)
2000 - Atual
Periódico: Cadernos Espinosanos (USP)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia/Especialidade: Filosofia Moderna.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SANTIAGO, Homero2018SANTIAGO, Homero. Espinosa contra a ditadura militar brasileira. Santa Barbara Portuguese Studies, v. 2, p. 1-22, 2018.

2.
SANTIAGO, Homero2018SANTIAGO, Homero. Fedeltà geometrica. Il problema dell?ordine nei Principi della filosofia cartesiana di Spinoza. Giornale critico di storia delle idee, v. 19, p. 297-314, 2018.

3.
SANTIAGO, Homero2017SANTIAGO, Homero. O pensamento político de Marilena Chaui: a invenção do método. CADERNOS ESPINOSANOS (USP), v. 36, p. 57-87, 2017.

4.
SANTIAGO, Homero2017SANTIAGO, Homero; VERSOLATO, Rafael . Um Marx alegre. CADERNOS DE ÉTICA E FILOSOFIA POLÍTICA (USP), v. 30, p. 181-197, 2017.

5.
SANTIAGO, Homero2017SANTIAGO, Homero; SILVEIRA, PAULO HENRIQUE FERNANDES . Filosofía, política y educación. PAPEL MAQUINA.Revista de Cultura, v. 11, p. 111-137, 2017.

6.
SANTIAGO, Homero2017SANTIAGO, Homero. Le regole che gli ebraisti avrebbero potuto dedurre. Natura e istituzione. La nottola di Minerva, v. 15, p. 115-124, 2017.

7.
SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2016SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA; SILVEIRA, PAULO HENRIQUE FERNANDES . Percursos de Marilena Chaui: filosofia, política e educação. EDUCAÇÃO E PESQUISA, v. 42, p. 259-277, 2016.

8.
SANTIAGO, Homero2016SANTIAGO, Homero. O irrepresentável. Cadernos IHU Idéias (UNISINOS), v. 240, p. 3-32, 2016.

9.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2015SANTIAGO, Homero. Hacia una teoría spinoziana de lo posible. Pensamiento político, v. 6, p. 51-57, 2015.

10.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2015SANTIAGO, Homero. Ou Deus ou nada (a exigência kantiana de um fundamento intersubjetivo para Deus contra o horror espinosista). Cadernos Espinosanos (USP), v. 33, p. 95-113, 2015.

11.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2015SANTIAGO, Homero. O Estado: segurança e insegurança. Discurso - Departamento de Filosofia da FFLCH DA USP, v. 45/2, p. 307-333, 2015.

12.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2015SANTIAGO, Homero. Multidão, a democracia como potência. IHU On-Line (UNISINOS. Online), v. 479, p. 100-108, 2015.

13.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2014SANTIAGO, Homero. Um conceito de classe. Cadernos Espinosanos (USP), v. 30, p. 24-48, 2014.

14.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2014SANTIAGO, Homero. O filósofo Uriel da Costa. Revista Conatus (UECE. Impresso), v. 16, p. 43-65, 2014.

15.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2014SANTIAGO, Homero. Dinheiro, liberdade, democracia (Conceitos do Bolsa Família). Cadernos de Ética e Filosofia Política (USP), v. 25, p. 166-189, 2014.

16.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2013SANTIAGO, Homero. O 'Compêndio de gramática hebraica' de Espinosa é uma obra more geometrico demonstrata?. Trans/Form/Ação (UNESP. Marília. Impresso), v. 36/2, p. 23-44, 2013.

17.
OLIVEIRA, Fernando Bonadia de2013OLIVEIRA, Fernando Bonadia de ; SANTIAGO, Homero . Educação e infância em Espinosa. Filosofia e Educação, v. 5, p. 1-7, 2013.

18.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2013SANTIAGO, Homero. As regras que os hebraístas teriam podido deduzir. Revista Conatus (UECE. Online), v. 13, p. 45-52, 2013.

19.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2012SANTIAGO, Homero. O filósofo e as lutas. CSOnline (UFJF), v. 14, p. 151-163, 2012.

20.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2012SANTIAGO, Homero. Entre servidão e liberdade. Cadernos Espinosanos (USP), v. 26, p. 11-23, 2012.

21.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2012SANTIAGO, Homero. Quem tem medo do negativo?. Revista Conatus (UECE. Online), v. 11, p. 83-87, 2012.

22.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2012SANTIAGO, Homero. Quando o filósofo fala de anjos. Revista Conatus (UECE. Online), v. 12, p. 75-82, 2012.

23.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2012SANTIAGO, Homero. As aproximações entre Spinoza, Nietzsche e Antonio Negri. IHU On-Line (UNISINOS. Online), v. 397, p. 31-35, 2012.

24.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2011SANTIAGO, Homero. Por uma teoria espinosana do possível. Revista Conatus (UECE. Online), v. 9, p. 41-48, 2011.

25.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2011SANTIAGO, Homero; PAULA, Marcos Ferreira de . Repensar a pulsão, reinventar a clínica. Cadernos de Psicanálise (Círculo Psicanalítico/RJ), v. 24, p. 129-134, 2011.

26.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2010SANTIAGO, Homero. A questão do possível no espinosismo e suas implicações em Antonio Negri. Revista Conatus (UECE. Online), v. 8, p. 55-64, 2010.

27.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2009SANTIAGO, Homero. Spinoza, Nietzsche y la creación de valores. Valenciana. Estudios de Filosofía y Letras, v. 3, p. 11-36, 2009.

28.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2008SANTIAGO, Homero. A poesia-dedicatória dos 'Princípios da filosofia cartesiana'. Revista Conatus (UECE. Online), v. 3, p. 41-44, 2008.

29.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2008SANTIAGO, Homero. Os excessos da identidade: Bento XVI e a questão da tolerância. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, v. 74, p. 195-210, 2008.

30.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2008SANTIAGO, Homero. Três notas sobre a relação entre filosofia e forma textual nos 'Ensaios' de Bacon. Cadernos Espinosanos (USP), v. 17, p. 58-70, 2008.

31.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2007SANTIAGO, Homero. O filósofo espinosista precisa criar valores?. Trans/Form/Ação, v. 30/1, p. 127-149, 2007.

32.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2007SANTIAGO, Homero. O mais fácil e o mais difícil: a experiência e o início da filosofia. Revista Conatus (UECE. Online), v. 2, p. 37-41, 2007.

33.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2006SANTIAGO, Homero. Sobre 14 ou 15 linhas espinosanas (Ep. 15, SO IV, 73, 20-21:'14 vel 15 reguilae'). Cadernos Espinosanos (USP), São Paulo, v. 14, p. 9-36, 2006.

34.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2006SANTIAGO, Homero. Tem-se a polícia que se merece. Cadernos de Ética e Filosofia Política (USP), v. 9, p. 123-153, 2006.

35.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2005SANTIAGO, Homero. Adorno, Auschwitz e a esperança na educação. Cadernos de Ética e Filosofia Política (USP), São Paulo, v. 6, p. 111-122, 2005.

36.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2004SANTIAGO, Homero. A cadeia dedutiva dos 'Princípios da filosofia cartesiana'. Cadernos Espinosanos (USP), São Paulo, v. 11, p. 2-48, 2004.

37.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2004SANTIAGO, Homero. Espinosa e Merleau-Ponty: convergências?. Trans/Form/Ação, São Paulo, v. 27, n.1, p. 19-26, 2004.

38.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2003SANTIAGO, Homero. Do cartesianismo ao espinosismo (estudo de um axioma). Cadernos Espinosanos (USP), São Paulo, v. 9, p. 109-121, 2003.

39.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2002SANTIAGO, Homero. Descartes, Espinosa e a necessidade das verdades eternas. Cadernos de História e Filosofia da Ciência (UNICAMP), Campinas, v. 12, n.1-2, p. 315-325, 2002.

40.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA2000SANTIAGO, Homero. Bibliografia Descartes. Cadernos Espinosanos (USP), São Paulo, v. 6, p. 95-112, 2000.

41.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA1999SANTIAGO, Homero. Index Cartesii Rationum more geometrico dispositarum, quae in Secundis Responsionibus continentur. Cadernos Espinosanos (USP), São Paulo, v. 6, p. 105-168, 1999.

42.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA1999SANTIAGO, Homero. Merleau-Ponty, o conflito das filosofias e a teoria da expressão. Dissenso Revista de Estudantes de Filosofia, São Paulo, v. 2, p. 35-54, 1999.

43.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA1998SANTIAGO, Homero. As desmesuras jubilares (a propósito de um livro recente sobre Descartes). Cadernos Espinosanos (USP), São Paulo, v. 3, p. 87-104, 1998.

44.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA1997SANTIAGO, Homero. O filósofo Uriel da Costa: por que ler o 'Exemplar humanae vitae'. Dissenso Revista de Estudantes de Filosofia, São Paulo, v. 1, p. 17-44, 1997.

45.
SANTIAGO, Homero;SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA1996SANTIAGO, Homero. O conatus-cupiditas na constituição do mundo. Cadernos Espinosanos (USP), São Paulo, v. 1, n.1, p. 45-80, 1996.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Em defesa da educação pública, gratuita e democrática. 1. ed. Belo Horizonte: Autentica, 2018. v. 1. 576p .

2.
SANTIAGO, Homero; TIBLE, Jean (Org.) ; TELLES, Vera (Org.) . Negri no trópico 23o26?14??. 1. ed. São Paulo: Autonomia Literária, Editora da Cidade, n-1, 2017. v. 1. 336p .

3.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Contra a servidão voluntária. 2. ed. Belo Horizonte, São Paulo: Autêntica, Fundação Perseu Abramo, 2014. v. 1. 205p .

4.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Conformismo e resistência. 1. ed. Belo Horizonte, São Paulo: Autêntica, Fundação Perseu Abramo, 2014. v. 1. 332p .

5.
SANTIAGO, Homero. Geometria do instituído. Estudo sobre a gramática hebraica espinosana. 1. ed. Fortaleza: EdUECE, 2014. 162p .

6.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Contra a servidão voluntária. 1. ed. Belo Horizonte, São Paulo: Autêntica, Fundação Perseu Abramo, 2013. v. 1. 205p .

7.
SANTIAGO, Homero. Amor e desejo. 1. ed. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2011. v. 1. 72p .

8.
MARTINS, André (Org.) ; SANTIAGO, Homero (Org.) ; OLIVA, Luís César (Org.) . As ilusões do eu: Spinoza e Nietzsche. 1. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011. 574p .

9.
SANTIAGO, Homero. Espinosa e o cartesianismo. O estabelecimento da ordem nos 'Princípios da filosofia cartesiana'. 1. ed. São Paulo: Humanitas, 2004. v. 1. 304p .

Capítulos de livros publicados
1.
SANTIAGO, Homero. Em torno do serem de Espinosa: a autonomia estudiosa. In: Emanuel Angelo da Rocha Fragoso; Carlos Wagner Benevides Gomes; Francisca Juliana Barros Sousa Lima; Henrique Lima da Silva. (Org.). VI Colóquio Benedictus de Spinoza: potência, cultura e resistência. 1ed.Fortaleza: EdUECE, 2018, v. 1, p. 291-351.

2.
SANTIAGO, Homero. As crises do pensamento. In: Homero Santiago; Jean Tible; Vera Telles. (Org.). Negri no trópico 23o26?14??. 1ed.São Paulo: Autonomia Literária, Editora da Cidade, n-1, 2017, v. 1, p. 19-28.

3.
SANTIAGO, Homero. Deleuze leitor de Masoch: da sintomatologia à ética. In: Sandro Kobol Fornazari; Adriana Barin de Azevedo; Bárbara Lucchesi Ramacciotti; Cíntia Vieira da Silva; Cleber Daniel Lambert da Silva. (Org.). Deleuze hoje. 1ed.São Paulo: Fap-Unifesp, 2014, v. 1, p. 523-542.

4.
SANTIAGO, Homero. Pré-historia da multidão. In: Baptiste Noel Auguste Grasset; Emanuel Angelo da Rocha Fragoso; Éricka Marie Itokazu; Francisco de Guimaraens; Maurício Rocha. (Org.). Spinoza e as Américas. X Colóquio Internacional Spinoza. 1ed.Fortaleza: EdUECE, 2014, v. 1, p. 69-81.

5.
FRAGOSO, Emanuel Angelo da Rocha ; SANTIAGO, Homero . Do cartesianismo ao espinosismo: sobre o método e um axioma. In: António Pedro Mesquista; Cristina Beckert; José Luis Pérez; Maria Leonor L. O. Xavier. (Org.). A paixão da razão. Homenagem Maria Luísa Ribeiro Ferreira. 1ed.Lisboa: Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa, 2014, v. 1, p. 47-70.

6.
SANTIAGO, Homero. Determinação e possibilidade. In: Diego Tatián. (Org.). Spinoza: Noveno coloquio. 1ed.Córdoba (Argentina): Editorial Brujas, 2013, v. 1, p. 245-252.

7.
SANTIAGO, Homero. Por uma teoria espinosana do possível. In: Maria Luísa Ribeiro Ferreira; Diogo Pires Aurélio; Olivier Feron. (Org.). Spinoza. Ser e agir. 1ed.Lisboa: Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa, 2011, v. , p. 77-86.

8.
SANTIAGO, Homero. O problema da superstição no espinosismo. In: Emanuel Angelo da Rocha Fragoso; Regenaldo Rodrigues. (Org.). Ética e Subjetividade. 1ed.Fortaleza: EdUECE, 2011, v. , p. 107-139.

9.
SANTIAGO, Homero. O corpo da gramática. In: André Martins; Homero Santiago; Luís César Oliva. (Org.). As ilusões do eu: Spinoza e Nitezsche. 1ed.Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011, v. , p. 559-573.

10.
SANTIAGO, Homero. Deleuze lector de Masoch: de la sintomatología a la ética. In: José Ezcurdia. (Org.). Configuraciones formativa V: Cultura y formación. 1ed.Guanajuato (México): Universidad de Guanajuato, 2011, v. , p. 117-135.

11.
SANTIAGO, Homero. Adorno, Auschwitz y la esperanza en la educación. In: José Ezcurdia. (Org.). Configuraciones Formativas IV: Poder y formación. 1ed.Guanajuato (México): Universidad de Guanajuato, 2010, v. , p. 17-29.

12.
SANTIAGO, Homero. Los excesos de la identidad: Benedicto XVI y la tolerancia. In: Soledad Croce; Emmanuel Biset. (Org.). Exceso y prudencia. 1ed.Córdoba (Argentina): Editorial Brujas, 2009, v. 1, p. 337-344.

13.
SANTIAGO, Homero. Gramática da língua e gramática da Escritura: Necessidade e contingência na ?Gramática hebraica? espinosana. In: Luís César Guimarães Oliva. (Org.). Necessidade e contingência na modernidade. 1ed.São Paulo: Barcarolla, 2009, v. , p. 187-218.

14.
SANTIAGO, Homero. Superstição e ordem moral do mundo. In: André Martins. (Org.). O mais potente dos afetos. Spinoza e Nietzsche. 1ed.São Paulo: WMF Martins Fontes, 2009, v. 1, p. 171-212.

15.
SANTIAGO, Homero. Lo más fácil y lo más difícil: la experiencia y el inicio de la filosofía. In: Diego Tatián. (Org.). Spinoza. Cuarto Coloquio. 1ed.Córdoba (Argentina): Editorial Brujas, 2008, v. 1, p. 447-454.

16.
SANTIAGO, Homero. Os hebraísmos de João e o 'Compêndio de gramática hebraica'. In: Diego Tatián. (Org.). Spinoza: Tercer coloquio. 1ed.Córdoba: Editorial Brujas, 2007, v. 1, p. 193-205.

17.
SANTIAGO, Homero. Como ser feliz. In: Milton Meira do Nascimento. (Org.). Jornal de resenhas: de abril de 2001 a novembro de 2002. São Paulo: Discurso editorial, 2002, v. 1, p. 2511-2512.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César ; SOUZA, Maria das Graças de ; BIGNOTTO, Newton ; CARDOSO, Sérgio ; PINHEIRO, Paulo Sérgio . Um frágil diagnóstico sobre Marilena Chaui e as esquerdas. Cult, São Paulo, p. 68 - 71, 07 nov. 2016.

2.
SANTIAGO, Homero. O que é, quem é a multidão. Cult, São Paulo, p. 28 - 31, 01 abr. 2014.

3.
SANTIAGO, Homero. Imagine: e se tudo for um sonho? O que é regra?. Folha de S. Paulo, São Paulo, p. 6 - 6, 22 nov. 2008.

4.
SANTIAGO, Homero. Igualdade com diferença. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, p. 15 - 19, 15 jul. 2008.

5.
SANTIAGO, Homero. Depois que Deus se ausentou. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 12, p. 48 - 52, 20 abr. 2008.

6.
SANTIAGO, Homero. A Grande Instauração de Bacon. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 10, p. 52 - 55, 20 dez. 2007.

7.
SANTIAGO, Homero. A descoberta de uma nova liberdade. O Estado de S. Paulo, São Paulo, p. D8 - D8, 04 nov. 2007.

8.
ITOKAZU, Éricka Marie ; ALENCAR, Marta Vitória ; SANTIAGO, Homero . Os anos de aprendizado (Entrevista Com Marilena Chaui, II). Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 9, p. 14 - 17, 20 set. 2007.

9.
SANTIAGO, Homero. O ente absolutamente infinito. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 8, p. 43 - 45, 20 jun. 2007.

10.
ITOKAZU, Éricka Marie ; ALENCAR, Marta Vitória ; SANTIAGO, Homero . A descoberta de Espinosa no século 20 (Entrevista com Marilena Chaui, I). Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 8, p. 54 - 59, 20 jun. 2007.

11.
SANTIAGO, Homero. A morte é o ponto de partida. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 7, p. 14 - 17, 20 fev. 2007.

12.
SANTIAGO, Homero. Raciocinar é calcular. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 6, p. 52 - 56, 20 dez. 2006.

13.
SANTIAGO, Homero. Do cartesianismo ao espinosismo. Cult, São Paulo, , v. 109, p. 61 - 63, 05 dez. 2006.

14.
SANTIAGO, Homero; ALENCAR, Marta Vitória ; RAMOS, Silvana de Souza . Uma provocação terapêutica (Entrevista com Mônica Aiub). Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 5, p. 16 - 20, 20 out. 2006.

15.
SANTIAGO, Homero. Carta ao leitor. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 3, p. 3 - 3, 28 abr. 2006.

16.
SANTIAGO, Homero. Pensamento e extensão. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 3, p. 40 - 43, 28 abr. 2006.

17.
SANTIAGO, Homero. Carta ao leitor. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 2, p. 3 - 3, 20 fev. 2006.

18.
SANTIAGO, Homero. Carta ao leitor. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 1, p. 3 - 3, 20 out. 2005.

19.
SANTIAGO, Homero. Penso, logo existo. Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 1, p. 8 - 9, 20 out. 2005.

20.
SANTIAGO, Homero; ALENCAR, Marta Vitória . Filosofia ajuda o aluno a pensar (Entrevista com Celso Favaretto). Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 1, p. 26 - 29, 20 out. 2005.

21.
SANTIAGO, Homero. Uma obra visionária (O 'Do avanço do saber' de Bacon). Discutindo Filosofia (Cessou em 2008. Cont. ISSN 1984-1388 Conhecimento Prático Filosofia), São Paulo, , v. 1, p. 50 - 53, 20 out. 2005.

22.
SANTIAGO, Homero. Como ser feliz?. Folha de S. Paulo, Jornal de Resenhas, São Paulo, p. 2 - 2, 06 nov. 2002.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SANTIAGO, Homero. Espinosa. In: I Congresso de iniciação científica do Departamento de Filosofia e Teoria Geral do Direito da FD-USP, 1996, São Paulo. Direito e perspectivas jurídicas. São Paulo: Saraiva, CA XI de Agosto, 1996. v. 1. p. 79-85.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SANTIAGO, Homero. Catulo e Lésbia: uma história de amor. In: VIII Colóquio Nacional de Filosofia de História, 2015, Aracaju/São Paulo. Caderno de Resumos do VIII Colóquio Nacional de Filosofia de História. Aracaju: Editora UFS, 2015. p. 35-36.

2.
SANTIAGO, Homero. Determinação e modalidades em Espinosa. In: XIV Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2010, Águas de Lindóia. Atas do XIV Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Campinas: ANPOF, 2010. p. 242-242.

3.
SANTIAGO, Homero. O corpo da gramática, a gramática do corpo: os hebraísmos de João Evangelista. In: II Congresso Internacional Spinoza & Nietzsche, 2009, São Paulo. Cadernos de Resumos do II Congresso Internacional Spinoza & Nietzsche. São Paulo: FFLCH-USP, 2009. p. 25-25.

4.
SANTIAGO, Homero. A questão do possível em Espinosa e suas implicações em Antonio Negri. In: II Colóquio Internacional Benedictus de Spinoza, 2009, Fortaleza. II Colóquio Internacional Benedictus de Spinoza Cadernos de resumos, palestras, minicursos e comunicações. Fortaleza: EdUECE, 2009. p. 11-12.

5.
SANTIAGO, Homero. Superstição e liberdade. In: II Colóquio Internacional Benedictus de Spinoza, 2009, Fortaleza. II Colóquio Internacional Benedictus de Spinoza Cadernos de resumos, palestras, minicursos e comunicações. Fortaleza: EdUECE, 2009. p. 23-24.

6.
SANTIAGO, Homero. 'O faz-tudo' de Bernard Malamud e a filosofia espinosana. In: XIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2008, Canela. Atas do XIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. São Leopoldo: Editora UNISINOS, 2008. p. 301-302.

7.
SANTIAGO, Homero. Bacon utilitarista?. In: XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2006, Salvador. Atas do XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Salvador: ANPOF, 2006. v. 1. p. 236-236.

8.
SANTIAGO, Homero. O filósofo espinosista precisa criar valores?. In: I Congresso Internacional Spinoza e Nietzsche, 2006, Rio de Janeiro. Livro de resumos do I Congresso Internacional Spinoza e Nietzsche. Rio de Janeiro: Grupo de pesquisa SpiN, 2006. v. 1. p. 19-19.

9.
SANTIAGO, Homero. Espinosa e os milagres. In: XI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2004, Salvador. Atas do XI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Salvador: ANPOF, 2004. v. 1. p. 199-200.

10.
SANTIAGO, Homero. Imanência, uso e regra segundo a 'Gramática hebraica' de Espinosa. In: X Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2002, São Paulo. Atas do X Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Campinas: ANPOF, 2002. v. 1. p. 254-254.

11.
SANTIAGO, Homero. A ordem geométrica na 'Gramática hebraica' de Espinosa. In: IX Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2000, Poços de Caldas. Atas do IX Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Campinas: ANPOF, 2000. v. 1. p. 138-139.

12.
SANTIAGO, Homero. Dúvida e certeza em Descartes e Espinosa. In: III Simpósio de Filosofia Moderna e Contemporânea da Unioeste, 1998, Toledo. Anais do III Simpósio de filosofia moderna e contemporânea da Unioeste. Cascavel: Edunioeste. v. 1. p. 24-24.

13.
SANTIAGO, Homero. O círculo cartesiano nos 'Princípios da filosofia cartesiana'. In: VIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 1998, Caxambu. Livro de resumos do VIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Campinas: ANPOF, 1998. v. 1. p. 120-121.

14.
SANTIAGO, Homero. A crítica à religião revelada nas primeiras obras de Baruch de Espinosa. In: IV Simpósio de iniciação científica da Universidade de São Paulo, 1996, São Paulo. IV Simpósio de iniciação científica da Universidade de São Paulo. São Paulo: Universidade de São Paulo, 1996. v. 1. p. 335-335.

15.
SANTIAGO, Homero. A crítica à religião revelada nas primeiras obras de Baruch de Espinosa. In: III Simpósio de iniciação científica da Universidade de São Paulo, 1995, São Paulo. III Simpósio de iniciação científica da Universidade de São Paulo. São Paulo: Universidade de São Paulo, 1995. v. 1. p. 265-265.

Artigos aceitos para publicação
1.
SANTIAGO, Homero. A Inquisição ibérica e o problema judeu (uma apresentação sumária). Revista Conatus (UECE. Online), 2016.

Apresentações de Trabalho
1.
SANTIAGO, Homero. Spinoza contra a ditadura militar brasileira. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
SANTIAGO, Homero. O autoritarismo brasileiro: reflexões a partir da filosofia de Espinosa. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
SANTIAGO, Homero. O Outono Quente e a recusa do trabalho. 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
SANTIAGO, Homero. Espinosa contra a ditadura militar brasileira. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
SANTIAGO, Homero. Espinosa contra a ditadura militar brasileira. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
SANTIAGO, Homero. A destruição e criminalização da política (e suas consequências). 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
SANTIAGO, Homero. Marilena educadora. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
SANTIAGO, Homero. Saudação a Marilena Chaui. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

9.
SANTIAGO, Homero. Saudação a Marilena Chaui. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

10.
SANTIAGO, Homero. O herem de Espinosa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
SANTIAGO, Homero. Espinosa e a representação política. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
SANTIAGO, Homero. 1917 como o ponto arquimédico do operaísmo italiano. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

13.
SANTIAGO, Homero. Sobre todas as coisas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
SANTIAGO, Homero. Multidão e poder constituinte: uma genealogia dos conceitos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
SANTIAGO, Homero. Movimentos sociais e a multidão nas metrópoles: potência e/ou ameaças. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA. Tratado teológico político, cap. VII. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

17.
SANTIAGO, Homero. Como podem falar os vencidos?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
SANTIAGO, Homero. Leituras subversivas de Negri: Espinosa. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

19.
SANTIAGO, Homero. Espinosa subversivo. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

20.
SANTIAGO, Homero. O pensamento político de Marilena Chaui: a invenção do método. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

21.
SANTIAGO, Homero. O conceito de multidão em Antonio Negri. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
SANTIAGO, Homero. Catulo e Lésbia: uma história de amor. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
SANTIAGO, Homero. Espinosa e o cartesianismo. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
SANTIAGO, Homero. A filosofia de Espinosa. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

25.
SANTIAGO, Homero. Para que serve a filosofia?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
SANTIAGO, Homero. Crise da representação?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
SANTIAGO, Homero. O Deus de Espinosa. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
SANTIAGO, Homero. Catulo e Lésbia: uma história de amor. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
SANTIAGO, Homero. Hacia una teoría spinoziana de lo posible. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
SANTIAGO, Homero. O método interpretativo do Tratado Teológico-político. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
SANTIAGO, Homero. Pré-história da multidão. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

32.
SANTIAGO, Homero. Natura e istituzione: le regole che gli ebraisti avrebbero potuto dedurre. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
SANTIAGO, Homero. Multidão: um conceito de classe. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

34.
SANTIAGO, Homero. Multidão: um conceito de classe. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
SANTIAGO, Homero. Um conceito de classe. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

36.
SANTIAGO, Homero. O Estado: segurança e insegurança. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

37.
SANTIAGO, Homero. A estrutura de poder da USP. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

38.
SANTIAGO, Homero. Entre servidão e liberdade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

39.
SANTIAGO, Homero. Nova classe média versus nova composição do trabalho. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

40.
SANTIAGO, Homero. Uma geometria do instituído: a questão do método do 'Compêndio de gramática hebraica' de Espinosa. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

41.
SANTIAGO, Homero. Determinação e possibilidade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

42.
SANTIAGO, Homero. A recusa do trabalho (a experiência de Porto Marghera). 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

43.
SANTIAGO, Homero. Um mundo sem ações desinteressadas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

44.
SANTIAGO, Homero. Deleuze leitor de Masoch: da sintomatologia à ética. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

45.
SANTIAGO, Homero. Política, Ética e Corrupção. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

46.
SANTIAGO, Homero. Precariedade da experiência ou experiência da precariedade? (Ambiguidades de classe e democracia). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

47.
SANTIAGO, Homero. Multidão e organização. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

48.
SANTIAGO, Homero. Entre servidão e liberdade. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

49.
SANTIAGO, Homero. Per una teoria spinoziana del possibile. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

50.
SANTIAGO, Homero. Tronti no Império (O que pode a multidão?). 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

51.
SANTIAGO, Homero. Lutar hoje: por quê? contra quem? como? pelo quê?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

52.
SANTIAGO, Homero. A militância hoje: meios, modos e objetivos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

53.
SANTIAGO, Homero. Masoquismo, desejo e contrato (Deleuze leitor de Masoch). 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

54.
SANTIAGO, Homero. Império, multidão, poder constituinte. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

55.
SANTIAGO, Homero. Democracia e Império: o pensamento político de Antonio Negri. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

56.
SANTIAGO, Homero. Determinação e modalidades em Espinosa. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

57.
SANTIAGO, Homero. Espinosa e Negri. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

58.
SANTIAGO, Homero. Por uma teoria espinosana do possível. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

59.
SANTIAGO, Homero. A filosofia na história e na contemporaneidade. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

60.
SANTIAGO, Homero. A melancolia e a natureza dos afetos em Espinosa. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

61.
SANTIAGO, Homero. O corpo da gramática, a gramática do corpo: os hebraísmos de João Evangelista. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

62.
SANTIAGO, Homero. A questão do possível no espinosismo e suas implicações em Antonio Negri. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

63.
SANTIAGO, Homero. A questão do possível em Espinosa e suas implicações em Antonio Negri. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

64.
SANTIAGO, Homero. Los excesos de la identidad - Benedicto XVI y la cuestión de la tolerancia. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

65.
SANTIAGO, Homero. Esquemas para a história no espinosismo: Espinosa viquiano?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

66.
SANTIAGO, Homero. Imanência e transcendência em Espinosa. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

67.
SANTIAGO, Homero. 'O faz-tudo' de Bernard Malamud e a filosofia espinosana. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

68.
SANTIAGO, Homero. O problema da superstição no espinosismo. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

69.
SANTIAGO, Homero. A questão da cientificidade do 'Compêndio de gramática hebraica'. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

70.
SANTIAGO, Homero. A ciência de Adão e o progresso baconiano. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

71.
SANTIAGO, Homero. Os 'Ensaios' de Bacon: anúncio de uma filosofia?. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

72.
SANTIAGO, Homero. Lo más fácil y lo más difícil: la experiencia y el inicio de la filosofía. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

73.
SANTIAGO, Homero. Bento XVI e a (in)tolerância. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

74.
SANTIAGO, Homero. Uma gramática geométrica? O problema do método na Gramática hebraica de Espinosa. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

75.
SANTIAGO, Homero. O filósofo espinosista precisa criar valores?. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

76.
SANTIAGO, Homero. Apresentação da filosofia de Baruch de Spinoza. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

77.
SANTIAGO, Homero. Os hebraísmos de João e o 'Compêndio de gramática hebraica'. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

78.
SANTIAGO, Homero. Democracia e universidade. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

79.
SANTIAGO, Homero. O que fazer da filosofia?. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

80.
SANTIAGO, Homero. Espinosa e Merleau-Ponty: convergências?. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

81.
SANTIAGO, Homero. Imanência, uso e regra segundo a Gramática hebraica de Espinosa. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

82.
SANTIAGO, Homero. Descartes, Espinosa e as verdades eternas. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

83.
SANTIAGO, Homero. A ordem geométrica na 'Gramática hebraica' de Espinosa. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

84.
SANTIAGO, Homero. A ordenação geométrica dos 'Princípios da filosofia cartesiana'. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

85.
SANTIAGO, Homero. Passos iniciais da escolarização do cartesianismo na Holanda e na Alemanha a partir de quatro cartas de 1651 endereçadas à Hohe Schule Herborn. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

86.
SANTIAGO, Homero. O círculo cartesiano nos 'Princípios da filosofia cartesiana'. 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

87.
SANTIAGO, Homero. Ética, I: por que começar pela causa de si?. 1997. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

88.
SANTIAGO, Homero. A teoria da criação das verdades eternas e o impasse da ciência cartesiana. 1997. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

89.
SANTIAGO, Homero. Espinosa e Descartes. 1997. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

90.
SANTIAGO, Homero. Espinosa: a lei e o extraordinário no mundo dos homens. 1997. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

91.
SANTIAGO, Homero. A crítica à religião revelada nas primeiras obras de Baruch de Espinosa. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

92.
SANTIAGO, Homero. A comunidade judaica de Amsterdam. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

93.
SANTIAGO, Homero. Imanência e racionalidade no 'De Deus': Espinosa versus Descartes. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

94.
SANTIAGO, Homero. A crítica à religião revelada nas primeiras obras de Baruch de Espinosa. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
SANTIAGO, Homero; SILVEIRA, PAULO HENRIQUE FERNANDES . Filosofia, política e educação (entrevista com Marilena Chaui). São Paulo: Autêntica, 2018 (Entrevista).

2.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Em defesa da educação pública, gratuita e democrática. Belo Horizonte, 2018. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

3.
SANTIAGO, Homero. Stefano Visentin, A ontologia política de Espinosa na leitura de Antonio Negri. São Paulo: FFLCH-USP, 2018. (Tradução/Artigo).

4.
SANTIAGO, Homero; TIBLE, Jean ; TELLES, Vera . Negri no trópico 23o26?14??. São Paulo, 2017. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

5.
SANTIAGO, Homero. Antonio Negri, Império: lição brasileira. Autonomia Literária, Editora da Cidade, n-1, 2017. (Tradução/Artigo).

6.
SANTIAGO, Homero. Michael Löwy, Memórias de um comunista. São Paulo: Autonomia Literária, Editora da Cidade, n-1, 2017. (Tradução/Artigo).

7.
SANTIAGO, Homero. Espinosa subversivo e outros escritos. Belo Horizonte: Autêntica, 2016 (Seleção de textos e revisão técnica).

8.
SANTIAGO, Homero. Otimismo da razão, pessimismo da vontade (entrevista com Antonio Negri). Belo Horizonte: Autêntica, 2016 (Entrevista).

9.
SANTIAGO, Homero. Marx além de Marx. São Paulo: Autonomia Literária, 2016 (Orelha de livro).

10.
SANTIAGO, Homero. Epístolas: Espinosa e Boxel. São Paulo: FFLCH-USP, 2016 (Revisão técnica).

11.
SANTIAGO, Homero. Antonio Negri, Espinosa subversivo e outros escritos. Belo Horizonte, 2016. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

12.
SANTIAGO, Homero; VERSOLATO, Rafael . Ciência da crise e da subversão. São Paulo, 2016. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

13.
SANTIAGO, Homero. Mario Tronti, Lênin na Inglaterra. São Paulo, 2016. (Tradução/Artigo).

14.
ROCHA, André Menezes ; ITOKAZU, Éricka Marie ; SANTIAGO, Homero . Espinosa, Princípios da filosofia cartesiana e Pensamentos metafísicos. Belo Horizonte: Autêntica, 2015 (Orelha de livro).

15.
SANTIAGO, Homero. A cadeia dedutiva dos Princípios da filosofia cartesiana. Belo Horizonte: Autêntica, 2015 (Texto em página da internet).

16.
SANTIAGO, Homero. Multidão, a democracia como potência. São Leopoldo (RS): IHU, 2015 (Entrevista).

17.
SANTIAGO, Homero. René Descartes, Meditações metafísicas. São Paulo: Folha de S.Paulo, 2015 (Revisão técnica).

18.
SANTIAGO, Homero. Apresentação, estabelecimento do texto latino, bibliografia e notas a Espinosa, Princípios da filosofia cartesiana e Pensamentos metafísicos. Belo Horizonte, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

19.
SANTIAGO, Homero. Introdução, bibliografia e notas a Descartes, Meditações metafísicas. São Paulo, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Introdução)>.

20.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César . Espinosa, Princípios da filosofia cartesiana e Pensamentos metafísicos. Belo Horizonte: Autêntica, 2015. (Tradução/Livro).

21.
CHAUI, Marilena de Souza ; SANTIAGO, Homero . Espinosa, Ética. São Paulo: Edusp, 2015. (Tradução/Livro).

22.
SANTIAGO, Homero. Bento de Espinosa, Prolegômeno dos Princípios da filosofia de René Descartes demonstrados à maneira geométrica. São Paulo: Folha de S. Paulo, 2015. (Tradução/Outra).

23.
SANTIAGO, Homero. Descartes, Prefácio ao leitor, Epístola dedicatória, O livreiro ao leitor, Resumo das seis meditações seguintes. São Paulo: Folha de S. Paulo, 2015. (Tradução/Outra).

24.
SANTIAGO, Homero. L'ultima vittoria del lulismo 2014 (Texto em página da internet).

25.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Conformismo e resistência. Belo Horizonte, São Paulo, 2014. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

26.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Contra a servidão voluntária. Belo Horizonte, São Paulo, 2014. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

27.
SANTIAGO, Homero. Francesco Toto, Amor Dei, o corpo. Fortaleza: EdUECE, 2014. (Tradução/Outra).

28.
OLIVEIRA, Fernando Bonadia de ; SANTIAGO, Homero . Dossiê Espinosa. Campinas: Filosofia e educação, 2013 (Organização de dossiê).

29.
SANTIAGO, Homero. Pierre Magnard, Vocabulário de Pascal. São Paulo: Martins Fontes, 2013 (Revisão técnica).

30.
SANTIAGO, Homero. A filosofia como modo de vida e de pensar (Entrevista com Marilena Chaui). Belo Horizonte, São Paulo: Autêntica, Fundação Perseu Abramo, 2013 (Entrevista).

31.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Contra a servidão voluntária. Belo Horizonte, São Paulo, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

32.
SANTIAGO, Homero. Quando o filósofo fala de anjos. Fortaleza, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

33.
OLIVEIRA, Fernando Bonadia de ; FRAGOSO, Emanuel Angelo da Rocha ; SANTIAGO, Homero ; BARROS, Kácia Natália de . Adolfo Ravà, A pedagogia de Espinosa. Campinas: Filosofia e Educação, 2013. (Tradução/Artigo).

34.
SANTIAGO, Homero. Marilena Chaui, Contra o Um, contra o Estado: o contradiscurso de Clastres e de La Boétie. Belo Horizonte: Autêntica, 2013. (Tradução/Artigo).

35.
SANTIAGO, Homero. Henri Méchoulan, O herem em Amsterdã e a excomunhão' de Espinosa. Fortaleza: Revista Conatus, 2013. (Tradução/Artigo).

36.
SANTIAGO, Homero; ROCHA, André Menezes ; ITOKAZU, Éricka Marie . Espinosa, Breve tratado. Belo Horizonte: Autêntica, 2012 (Orelha de livro).

37.
SANTIAGO, Homero. Francis Bacon, Proêmio sobre a Interpretação da Natureza. São Paulo: Cadernos espinosanos, 2012. (Tradução/Outra).

38.
SANTIAGO, Homero. A recusa do trabalho (a experiência revolucionária de Porto Marghera). São Paulo: Cadernos de Ética e Filosofia Política, 2012. (Tradução/Outra).

39.
SANTIAGO, Homero. Spinoza e Nietzsche: filósofos contra a tradição. Rio de Janeiro: Mauad, 2011 (Orelha de livro).

40.
SANTIAGO, Homero. Mariana de Gainza, Espinosa: uma filosofia materialista do infinito positivo. São Paulo: Edusp, 2011 (Orelha de livro).

41.
SANTIAGO, Homero. Introdução, bibliografia e notas a Descartes, Meditações metafísicas. São Paulo, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Introdução)>.

42.
MARTINS, André ; SANTIAGO, Homero ; OLIVA, Luís César . Spinoza e Nietzsche: crítica ao sujeito e imanência. Rio de Janeiro, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

43.
ITOKAZU, Éricka Marie ; ROCHA, André Menezes ; SANTIAGO, Homero . Apresentação da Série Espinosana. Belo Horizonte, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

44.
SANTIAGO, Homero. Bento de Espinosa, Prolegômeno dos Princípios da filosofia de René Descartes demonstrados à maneira geométrica. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2011. (Tradução/Outra).

45.
SANTIAGO, Homero. René Descartes, Prefácio ao leitor, Epístola dedicatória, O livreiro ao leitor, Resumo das seis meditações seguintes. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2011. (Tradução/Outra).

46.
SANTIAGO, Homero. José Ezcurdia, O autômato espiritual na filosofia de Espinosa: Implicações de uma ontologia imanentista no plano do conhecimento científico. São Paulo: Cadernos espinosanos, 2011. (Tradução/Artigo).

47.
SANTIAGO, Homero. Pascal Dupond, Vocabulário de Merleau-Ponty. São Paulo: Martins Fontes, 2010 (Revisão técnica).

48.
SANTIAGO, Homero. Frédéric de Buzon, Denis Kambouchner, Vocabulário de Descartes. São Paulo: Martins Fontes, 2010 (Revisão técnica).

49.
SANTIAGO, Homero. Charles Ramond, Vocabulário de Espinosa. São Paulo: Martins Fontes, 2010 (Revisão técnica).

50.
SANTIAGO, Homero. Leibniz, Sobre a Ética de Bento de Espinosa. São Paulo: Cadernos espinosanos, 2010. (Tradução/Outra).

51.
SANTIAGO, Homero. Espinosa, Tratado político. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2009 (Revisão técnica).

52.
SANTIAGO, Homero. Jean-Paul Sartre, As mãos sujas, 2009. (Tradução/Livro).

53.
SANTIAGO, Homero. Espinosa, 'Princípios da filosofia cartesiana', I, axiomas 4-11, proposições 5-8. Fortaleza: Revista Conatus, 2009. (Tradução/Outra).

54.
SANTIAGO, Homero. Pascal Sévérac, Conhecimento e afetividade em Spinoza. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2009. (Tradução/Artigo).

55.
SANTIAGO, Homero. Etienne Gilson, Introdução e análise do Discurso do método. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2009. (Tradução/Outra).

56.
SANTIAGO, Homero. José Ezcurdia, Imanência e amor na filosofia de Espinosa. São Paulo: Cadernos espinosanos, 2008. (Tradução/Artigo).

57.
SANTIAGO, Homero. Espinosa, 'Princípios da filosofia cartesiana', I, definições, axiomas 1-3, proposições 1-4. Fortaleza: Revista Conatus, 2008. (Tradução/Outra).

58.
SANTIAGO, Homero. Luís Meyer, Prefácio dos Princípios da filosofia cartesiana. Fortaleza: Revista Conatus, 2007. (Tradução/Outra).

59.
SANTIAGO, Homero. Etienne Gilson, Introdução e análise do Discurso do método. São Paulo: Martins Fontes, 2007. (Tradução/Outra).

60.
SANTIAGO, Homero. Friedrich Nietzsche, Carta sobre Espinosa. São Paulo: Cadernos espinosanos, 2007. (Tradução/Outra).

61.
SANTIAGO, Homero. Christoph Helferich, História da filosofia. São Paulo: Martins Fontes, 2006 (Revisão técnica).

62.
SANTIAGO, Homero. Laurent Bove, Hilaritas et acquiescentia in se ipso. São Paulo: Via Lettera, 2006 (Revisão técnica).

63.
SANTIAGO, Homero. René Descartes, Meditações metafísicas. São Paulo: Martins Fontes, 2005 (Revisão técnica).

64.
SANTIAGO, Homero. Introdução, bibliografia e notas a Descartes, Meditações metafísicas. São Paulo, 2005. (Prefácio, Pósfacio/Introdução)>.

65.
SANTIAGO, Homero. Bento de Espinosa, Prolegômeno dos Princípios da filosofia de René Descartes demonstrados à maneira geométrica. São Paulo: Martins Fontes, 2005. (Tradução/Outra).

66.
SANTIAGO, Homero. René Descartes, Prefácio ao leitor, Epístola dedicatória, O livreiro ao leitor, Resumo das seis meditações seguintes. São Paulo: Martins Fontes, 2005. (Tradução/Outra).

67.
SANTIAGO, Homero; ITOKAZU, Éricka Marie . Henri Gouhier, Blaise Pascal - Conversão e apologética. São Paulo: Discurso Editorial, Paulus, 2005. (Tradução/Livro).

68.
SANTIAGO, Homero. Apresentação (Exposição em homenagem ao prof. Lívio Teixeira). São Paulo 2003 (Apresentação de exposição).

69.
SANTIAGO, Homero. Lívio Teixeira, Algumas considerações sobre a filosofia e o estudo da história da filosofia no Brasil. São Paulo: Cadernos espinosanos, 2003. (Tradução/Artigo).

70.
SANTIAGO, Homero. René Descartes, Carta-prefácio dos Princípios da filosofia. São Paulo: Martins Fontes, 2003. (Tradução/Livro).

71.
SANTIAGO, Homero; BAIONI, José Eduardo Marques . Espinosa em português: um esboço de bibliografia. São Paulo: Discurso editorial, 2002 (Apêndice bibliográfico).

72.
SANTIAGO, Homero. Victor Delbos, O espinosismo. São Paulo: Discurso Editorial, 2002. (Tradução/Livro).

73.
SANTIAGO, Homero. Notas a Cícero, Da amizade. São Paulo: Martins Fontes, 2001 (Notas explicativas).

74.
SANTIAGO, Homero. Dicionário dos filósofos. São Paulo: Martins Fontes, 2001 (Revisão técnica).

75.
SANTIAGO, Homero. Januario Lucas Gaffrée, Spinoza. São Paulo: FFLCH-USP, 2001 (Revisão técnica).

76.
SANTIAGO, Homero. José Pérez, Da correspondencia de Spinoza. São Paulo 2001 (Revisão técnica).

77.
SANTIAGO, Homero. René Descartes, Meditações metafísicas. São Paulo: Martins Fontes, 2000 (Revisão técnica).

78.
SANTIAGO, Homero. A ordenação geométrica da parte I dos 'Princípios da filosofia cartesiana'. São Paulo: FFLCH-USP, 2000 (Resumo).

79.
SANTIAGO, Homero. Introdução, bibliografia e notas a Descartes, Meditações metafísicas. São Paulo, 2000. (Prefácio, Pósfacio/Introdução)>.

80.
SANTIAGO, Homero. René Descartes, Prefácio ao leitor, Epístola dedicatória, O livreiro ao leitor, Resumo das seis meditações seguintes. São Paulo: Martins Fontes, 2000. (Tradução/Outra).

81.
SANTIAGO, Homero. Bento de Espinosa, Prolegômeno dos Princípios da filosofia de René Descartes demonstrados à maneira geométrica. São Paulo: Martins Fontes, 2000. (Tradução/Outra).

82.
SANTIAGO, Homero; BAIONI, José Eduardo Marques ; REZENDE, Cristiano Novaes de . Marilena Chaui, A nervura do real. Imanência e liberdade em Espinosa. São Paulo: Companhia das Letras, 1999 (Revisão técnica).

83.
SANTIAGO, Homero. Descartes: três cartas de abril-maio de 1630. Belo Horizonte: Kriterion, UFMG, 1999. (Tradução/Outra).

84.
SANTIAGO, Homero. Leibniz, Sobre a análise da situação. São Paulo: Cadernos espinosanos, 1999. (Tradução/Artigo).

85.
SANTIAGO, Homero. Pierre François-Moreau, Os princípios de leitura das Sagradas Escrituras no Tratado teológico-político. São Paulo: FFLCH-USP, 1998 (Revisão técnica).

86.
SANTIAGO, Homero. Nota introdutória à tradução de Martial Gueroult, Prólogo a 'Descartes segundo a ordem das razões'. São Paulo 1997 (Nota introdutória).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
SANTIAGO, Homero. Indicação de obra para publicação: Baruch de Espinosa, Tratado da reforma da inteligência, São Paulo, Martins Fontes, 2004. 2004.

2.
SANTIAGO, Homero. Indicação de obra para publicação: G. W. Leibniz, Discurso de metafísica e outros textos, São Paulo, Martins Fontes, 2004. 2004.

3.
SANTIAGO, Homero. Indicação de obra para publicação: Baruch de Espinosa, Tratado-teológico político, São Paulo, Martins Fontes, 2003. 2003.

4.
SANTIAGO, Homero. Indicação de obra publicação: René Descartes, Carta-prefácio dos Princípios da filosofia, São Paulo, Martins Fontes, 2003. 2003.

5.
SANTIAGO, Homero. Indicação de obra para publicação: Marilena Chaui, Experiência do pensamento. Ensaios sobre a obra de Merleau-Ponty, São Paulo, Martins Fontes, 2002. 2002.

Trabalhos técnicos
1.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Dois Pontos. 2018.

2.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Filosofia e Educação. 2018.

3.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Philósophos. 2018.

4.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2018.

5.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista O que nos faz pensar. 2018.

6.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2017.

7.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2017.

8.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2017.

9.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2017.

10.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Trágica. 2017.

11.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Humanidades em Diálogo. 2017.

12.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2017.

13.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2016.

14.
SANTIAGO, HOMERO SILVEIRA. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2016.

15.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Filosofia e Educação. 2016.

16.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Primeiros Escritos. 2016.

17.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2015.

18.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2015.

19.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Educação e Filosofia. 2015.

20.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2015.

21.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Kynesis. 2014.

22.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Humanidades em Diálogo. 2014.

23.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2014.

24.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Ipseitas. 2014.

25.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Aproximação. 2013.

26.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2013.

27.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a EdUECE. 2013.

28.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Kínesis. 2012.

29.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Dados. 2012.

30.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Interação em Psicologia. 2012.

31.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Humanidades em Diálogo. 2012.

32.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Perspectiva Filosófica. 2010.

33.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2010.

34.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2010.

35.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2009.

36.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2009.

37.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Polymatheia. 2009.

38.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2008.

39.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Fapesp. 2008.

40.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para os Cadernos PET-Filosofia (UFPR). 2008.

41.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Polymatheia. 2007.

42.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a revista Dois Pontos. 2006.

43.
SANTIAGO, Homero. Parecer ad hoc para a Câmara de Pesquisa e Pós-graduação da Universidade Estadual de Santa Cruz - BA. 2005.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SANTIAGO, Homero. Abrace uma carreira: Filosofia. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SANTIAGO, Homero. Café Filosófico CPFL. 2011.

3.
SANTIAGO, Homero. Programa 'Fala sério'. 2005. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
SANTIAGO, Homero. Introdução à Ética de Espinosa. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
SANTIAGO, Homero. O conceito de multidão. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
SANTIAGO, Homero. Espinosa precursor das ciências humanas. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
SANTIAGO, Homero. Espinosa precursor das ciências humanas. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
SANTIAGO, Homero. Amor e desejo são a mesma coisa?. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
SANTIAGO, Homero. Superstição e liberdade no espinosismo. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
SANTIAGO, Homero. Superstição e liberdade. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

8.
SANTIAGO, Homero. Depoimento sobre 'Descartes' de Roberto Rossellini. 2009. (Extra de DVD).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
SANTIAGO, Homero; SILVA JÚNIOR, Nelson da; PEREIRA, Luciano. Participação em banca de Helgis Torres Cristófaro. O trabalho como categoria em economia política. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

2.
SANTIAGO, Homero; PISANI, Marília Mello; TIBLE, Jean. Participação em banca de Jefferson Martins Viel. A formação do conceito de trabalho imaterial na filosofia de Antonio Negri. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero; PAULA, Marcos Ferreira de. Participação em banca de Rafael dos Santos Monteiro. Unidade entre mente e corpo na experiência afetiva em Espinosa. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

4.
FRAGOSO, Emanuel Angelo da Rocha; SANTIAGO, Homero; AQUINO, João Emiliano Fortaleza de. Participação em banca de Brena Kátia Xavier da Silva. Fundamentos éticos para a 'melhor' política em Benedictus de Spinoza. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual do Ceará.

5.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; CARNEIRO, Silvio Ricardo Gomes. Participação em banca de Rafael Versolato Gilberto. O mistério do real: capital e trabalho assalariado. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

6.
GUIMARAENS, Francisco de; ROCHA, Maurício; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Felipe Jardim Lucas. Elementos do estado civil, formação da política e Espinosa e a construção democrática. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

7.
NALLI, Marcos Alexandre Gomes; SANTIAGO, Homero; WEBER, José Fernando. Participação em banca de Pablo Joel Almeida. Negatividade e imanência em Espinosa e Nietzsche. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual de Londrina.

8.
SANTIAGO, Homero; GUIMARAENS, Francisco de; PEREIRA, Luciano. Participação em banca de Thiago Silva Augusto da Fonseca. Hardt, Negri e a organização do desejo. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

9.
RAMOS, Silvana de Souza; OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Claudia Ferreira dos Santos. Unidade e diversidade no espinosismo: o atributo como infinita expressividade da substância única. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

10.
ANDRADE, Fernando Dias; SANTIAGO, Homero; FREITAS, Jacira de. Participação em banca de Luiz Fernando de Mello Martinelli Fernandes. O Estado como fundamentação da liberdade religiosa e de pensamento no Tratado teológico-político de Espinosa. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de São Paulo.

11.
MONTEAGUDO, Ricardo; FORLIN, Enéias Júnior; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Adriano Pereira da Silva. Conhecimento e afetividade em Espinosa: da reforma da inteligência à potência do conhecimento como afeto. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

12.
SILVA, Franklin Leopoldo e; PARRAZ, Ivonil; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Fábio Cristiano de Moraes. Blaise Pascal: a ciência diante da incerteza. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

13.
FRAGOSO, Emanuel Angelo da Rocha; AQUINO, João Emiliano Fortaleza de; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Claudio de Souza Rocha. Os fundamentos da democracia em Benedictus de Spinoza. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual do Ceará.

14.
PAULA, Marcos Ferreira de; OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Cátia Cristina Benevenuto de Almeida. As marcas corporais e a superstição em Espinosa. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

15.
AQUINO, João Emiliano Fortaleza de; FRAGOSO, Emanuel Angelo da Rocha; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de José Soares das Chagas. O ético e o hermenêutico sob o viés imanentista de Spinoza. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual do Ceará.

16.
LIMONGI, Maria Isabel Papaterra; SANTIAGO, Homero; VIEIRA NETO, Paulo. Participação em banca de Fernando Antunes. A noção de ideia e o problema da representação na Ética de Espinosa. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.

17.
VIEIRA NETO, Paulo; SANTIAGO, Homero; LIMONGI, Maria Isabel Papaterra. Participação em banca de Cleiton Zóia Münchow. Da natureza naturante à natureza naturada: considerações sobre os fundamentos ontológicos da gênese do finito na filosofia de Espinosa. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.

18.
GALLO, Sílvio Donizetti de Oliveira; RODRIGO, Lídia Maria; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Fernando Bonadia de Oliveira. O lugar da educação na filosofia de Espinosa. 2008. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas.

19.
SILVA, Franklin Leopoldo e; FORLIN, Enéias Júnior; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Adriano Albuquerque Gomes. A substância divina e a subjetividade em Descartes. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

20.
SANTIAGO, Homero; FORLIN, Enéias Júnior; CHAUI, Marilena de Souza. Participação em banca de Carlos Eduardo Pereira de Oliveira. Descartes: a livre criação das verdades eternas. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

21.
FRAGOSO, Emanuel Angelo da Rocha; SANTIAGO, Homero; AQUINO, João Emiliano Fortaleza de. Participação em banca de Maria Tereza Mendes de Castro. A concepção de liberdade a partir de uma ética não-normativa em Benedictus de Spinoza. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual do Ceará.

22.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; ANDRADE, Fernando Dias. Participação em banca de André Menezes Rocha. Fortuna e superstição. Um estudo destes temas no 'Tratado teológico-político' de Espinosa. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

23.
SANTIAGO, Homero; LIMONGI, Maria Isabel Papaterra; VIEIRA NETO, Paulo. Participação em banca de Adriano Luís Andrade Justino. Traduzir os ensinamentos: considerações sobre as formas de interpretar no Tratado teológico-político de Espinosa. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal do Paraná.

Teses de doutorado
1.
OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero; SOUZA, Maria das Graças de; MACEDO, Cecília Cintra Cavaleiro de; PÉCORA, Alcir. Participação em banca de FRan de Oliveira Alavina. Espinosa, leitor de Leão Hebreu. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

2.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; OLIVEIRA, Fernando Bonadia de; REZENDE, Cristiano Novaes de; ITOKAZU, Éricka Marie. Participação em banca de Catia Cristina Benevenuto de Almeida. Memória e historia em Espinosa, uma física dos corpos. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
ROCHA, Maurício; GUIMARAENS, Francisco de; SANTIAGO, Homero; OLIVEIRA, Bernardo Carvalho; ABREU FILHO, Ovídio. Participação em banca de Rafael Cataneo Becker. Natureza e direito em Gilles Deleuze: o problema da forma. 2018. Tese (Doutorado em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

4.
CHAUI, Marilena de Souza; MARGUTTI PINTO, Paulo Roberto; VERMEREN, Patrice; PALMEIRA, Miguel Soares; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Júlio Miranda Canhada. Construções de um século: discursos filosóficos no Brasil oitocentista. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

5.
GUIMARAENS, Francisco de; ROCHA, Maurício; SANTIAGO, Homero; SOUZA, Elton Luiz Leite de; PILATTI, Adriano; STERN, Ana Luíza Saramago. Participação em banca de João Maurício Martins de Abteu. O problema da propriedade privada a partir de Espinosa. 2017. Tese (Doutorado em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

6.
ESSERT, Chris; SANTIAGO, Homero; WEINRIB, Jacob; WEBBER, Grégoire; LISTER, Andrew; DOUGLAS, Stacy. Participação em banca de Márcio Pereira. In praise of rebellion: constituent power, democracy and the American Revolution. 2017. Tese (Doutorado em Direito) - Queen's University.

7.
OLIVA, Luís César; MARTINS, Andrei Venturini; SANTIAGO, Homero; PARRAZ, Ivonil; SILVA, Franklin Leopoldo e. Participação em banca de Fábio Cristiano de Moraes. As razões do coração: um estudo sobre a centralidade do coração em Pascal. 2016. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

8.
ROCHA, Maurício; GUIMARAENS, Francisco de; SANTIAGO, Homero; OLIVEIRA, Bernardo Carvalho; MENDES, Alexandre Pinto. Participação em banca de Rogério Pacheco Alves. O DNA kantiano dos direitos humanos e sua crítica a partir da filosofia imanente de Spinoza. 2015. Tese (Doutorado em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

9.
FORLIN, Enéias Júnior; AQUINO, João Emiliano Fortaleza de; AMARAL, Ilana Viana; SANTIAGO, Homero; NOLASCO, Fábio Mascarenhas. Participação em banca de Alexandre de Moura Barbosa. Circularidade e a especulação: sobre a fundamentação em Descartes e Hegel. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

10.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; OLIVA, Luís César; REZENDE, Cristiano Novaes de; ROCHA, André Menezes. Participação em banca de Fernando Bonadia de Oliveira. Coerência e comunidade em Espinosa. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

11.
PISSARRA, Maria Constança Peres; VALVERDE, Antonio José Romera; OLIVA, Luís César; MUÑOZ, Yolanda Glória Gamboa; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Luiz Carlos Montans Braga. Trama afetiva da política: uma leitura da filosofia de Espinosa. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

12.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; FORLIN, Enéias Júnior; OLIVA, Luís César; ANDRADE, Érico. Participação em banca de Carlos Eduardo Pereira Oliveira. A teoria cartesiana da criação. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

13.
PILATTI, Adriano; CHAUI, Marilena de Souza; ROCHA, Maurício; GUIMARAENS, Francisco de; SANTIAGO, Homero; RIBEIRO, Luís Antônio Cunha. Participação em banca de Ana Luiza Saramago Stern. A imaginação no poder. Obediência política e servidão em Espinosa. 2013. Tese (Doutorado em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

14.
GUIMARAENS, Francisco de; ROCHA, Maurício; SANTIAGO, Homero; PILATTI, Adriano; LIMA, Martonio Mont'Alverne Barreto.. Participação em banca de Aleaxandre PInto Mendes. O que pode a multidão? Constituição e instituição em Espinosa. 2013. Tese (Doutorado em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

15.
MORFINO, Vittorio; SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; ROCHA, Maurício; TORRES, Sebastian. Participação em banca de Daniel Santos da Silva. O conceito de indivíduo e sua realidade na política em Espinosa. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

16.
SORRENTINO, Marcos; FERREIRA, Maria Luísa Ribeiro; SANTIAGO, Homero; TASSARA, Eda Terezinha de Oliveira; JACBI, Pedro Roberto; SOROMENHO-MARQUES, Viriato. Participação em banca de Alessandra Buonavoglia Costa-Pinto. Potência de agir e educação ambiental: aproximações a partir de uma análise da experiência do Coletivo Educador Ambiental de Campinas (COEDUCA) SP/Brasil. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Ambiental) - Universidade de São Paulo.

17.
MORFINO, Vittorio; CHAUI, Marilena de Souza; LACERDA, Tessa Moura; SANTIAGO, Homero; TATIÁN, Diego. Participação em banca de André Menezes Rocha. Espinosa e a inteligibilidade da história. Ensaios sobre a liberdade e a democracia no Tratado teológico-político. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

18.
MARTINS, André; GUIMARAENS, Francisco de; SANTIAGO, Homero; AZAR, Celso; BOVE, Laurent. Participação em banca de Alex Sandro Leite. Spinoza e o De Intellectus: o problema da transição. 2010. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

19.
CHAUI, Marilena de Souza; SAFATLE, Vladimir Pinheiro; VIEIRA NETO, Paulo; SANTIAGO, Homero; MORFINO, Vittorio. Participação em banca de Mariana de Gainza. Espinosa: uma filosofia materialista do infinito positivo. 2009. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

20.
ENGELMANN, Arno; ANTUNES, Mitsuko Aparecida Makino; TANAMACHI, Elenita de Ricio; SOUZA, Marilene Proença Rebello de; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Gisele Toassa. Emoções e vivências em Vigotski: investigação para uma perspectiva histórico-cultural. 2009. Tese (Doutorado em Psicologia) - Universidade de São Paulo.

21.
CHAUI, Marilena de Souza; MARTINS, André; ANDRADE, Fernando Dias; SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César. Participação em banca de Marcos Ferreira de Paula. Alegria e felicidade. A experiência do processo liberador em Espinosa. 2009. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

22.
CHAUI, Marilena de Souza; ANDRADE, Fernando Dias; SANTIAGO, Homero; SOUZA, Maria das Graças de; MARTINS, André. Participação em banca de Sérgio Luís Persch. Imaginação e profecias no 'Tratado teológico-político' de Espinosa. 2007. Tese (Doutorado em Filosofia) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP.

23.
SANTIAGO, Homero; SAFATLE, Vladimir Pinheiro; ARALDI, Clademir Luís; LINS, Daniel Soares; CHAUI, Marilena de Souza. Participação em banca de Sandro Kobol Fornazari. O esplendor do ser. A composição da filosofia da diferença em Gilles Deleuze (1952-1968). 2005. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
SANTIAGO, Homero; CARNEIRO, Silvio Ricardo Gomes; VELASCO, Patrícia Del Nero. Participação em banca de Marta Vitória Alencar. O ensino de filosofia, a filosofia e o filosofar. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

2.
OLIVA, Luís César; LACERDA, Tessa Moura; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Juarez Lopes Rodrigues. O império da razão: liberdade ou felicidade em Espinosa. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
LACERDA, Tessa Moura; SANTIAGO, Homero; SILVA, Daniel Santos da. Participação em banca de Paula Bettani Mendes de Jesus. O desejo como gênese da política. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

4.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César; REZENDE, Cristiano Novaes de. Participação em banca de Catia Cristina Benevenuto de Almeida. Memória e história em Espinosa: uma física. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

5.
OLIVA, Luís César; CHAUI, Marilena de Souza; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Ravena Olinda Teixeira. A memória e a felicidade na Ética de Espinosa. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

6.
OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza. Participação em banca de Fran de Oliveira Alavina. Espinosa, leitor de Leão Hebreu: um estudo sobre o Breve tratado. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

7.
PRATT, Michael; ESSERT, Chris; MILLER, Jon; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Márcio Ferreira Rodrigues Pereira. Occupying Democracy: Constituent Power and the Question of Political Representation. 2015 - Queen's University.

8.
GUIMARAENS, Francisco de; ROCHA, Maurício; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Rogério Pacheco Alves. O DNA kantiano da teoria dos direitos humanos e a possibilidade de sua crítica a partir de Spinoza. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Direito) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

9.
CHAUI, Marilena de Souza; OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Antônio David. Cultivar a vida, evitar a morte. Ensaio sobre ontologia, política e história em Espinosa. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

10.
OLIVA, Luís César; SILVA, Franklin Leopoldo e; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Fábio Cristiano de Moraes. A centralidade do conceito de coração na filosofia pascaliana. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

11.
NASCIMENTO, Milton Meira do; SCHMIDT, Rainer; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Alberto Paulo Neto. Entre o consenso e a contestação no Estado democrático de direito: uma interlocução entre a teoria democrática de J. Habermas e P. Pettit. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

12.
FERREIRA, Maria Luísa Ribeiro; SANTIAGO, Homero; TASSARA, Eda Terezinha de Oliveira; SAWAIA, Bader Burihan; GUEDES, Maria do Carmo; BOMFIM, Zulmira Áurea Cruz. Participação em banca de Fátima Maria Araújo Bertini. Do corpo igual vazio ao corpo semelhante útil: análise dos afetos em uma cidade planejada na perspectiva da filosofia de Espinosa em diálogo com a psicologia social. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Psicologia (Psicologia Social)) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

13.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César; ROCHA, André Menezes. Participação em banca de Fernando Bonadia de Oliveira. O conceito de comum na Ética de Espinosa. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

14.
FORLIN, Enéias Júnior; CHAUI, Marilena de Souza; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Carlos Eduardo Pereira Oliveira. A teoria cartesiana da criação. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

15.
OLIVA, Luís César; RAMOS, Maurício de Carvalho; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Diana Patricia Ferreira de Santana. O conceito de infinito na matemática de Leibniz. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

16.
RAMOZZI-CHIAROTTINO, Zelia; LA TAILLE, Yves Joel Jean Marie Rodolphe de; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Douglas Balila. A construção do conhecimento em Espinosa e PIaget: do conhecimento do mundo à ética, condição da vida social. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Psicologia Social) - Universidade de São Paulo.

17.
CHAUI, Marilena de Souza; SOUZA, Maria das Graças de; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Daniel Santos da Silva. O conceito de indivíduo e sua realidade na política em Espinosa. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

18.
SOUZA, Maria das Graças de; CHAUI, Marilena de Souza; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Antonio José Pereira Filho. Linguagem e práxis: Vico e a crítica à concepção cartesiana da linguagem. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

19.
CHAUI, Marilena de Souza; ANDRADE, Fernando Dias; SANTIAGO, Homero; SOUZA, Maria das Graças de. Participação em banca de André Menezes Rocha. História e política no Tratado Teológico-Político de Espinosa. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

20.
CHAUI, Marilena de Souza; SAFATLE, Vladimir Pinheiro; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Silvana de Souza Ramos. O paradoxo do corpo. Natureza e ordem humana na filosofia de Merleau-Ponty. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

21.
MARTINS, André; SANTIAGO, Homero; ROCHA, Maurício; FOGEL, Gilvan Luiz. Participação em banca de Alex Sandro Leite. Ética e conhecimento no 'De intellectus' de Spinoza. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

22.
CHAUI, Marilena de Souza; SAFATLE, Vladimir Pinheiro; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Mariana Cecilia de Gainza. Uma leitura materialista da parte V da 'Ética' de Espinosa. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP.

23.
OLIVA, Luís César; CHAUI, Marilena de Souza; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Marcos Ferreira de Paula. A alegria espinosana. Um estudo sobre o conceito de afeto, de alegria na Parte III da 'Ética' de Espinosa. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

24.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; OLIVA, Luís César. Participação em banca de Sérgio Luís Persch. Espinosa intérprete das profecias: do método aos exemplos. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Mestrado
1.
SILVA, Paulo Tadeu da; SANTIAGO, Homero; ZATERKA, Luciana. Participação em banca de Jeferson Pereira Vieira. Conhecimento em René Descartes. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em FILOSOFIA) - Universidade Federal do ABC.

2.
SANTIAGO, Homero; LACERDA, Tessa Moura; ANDRADE, Fernando Dias. Participação em banca de Tatiana Aparecida Picosque. O direito na imanência a partir dos Tratados teológico político e político. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
SANTIAGO, Homero; OLIVEIRA, Fernando Bonadia de; REZENDE, Cristiano Novaes de. Participação em banca de Samuel Thimounier Ferreira. A correspondência Espinosa-Oldenburg. Introdução, texto latino, tradução e notas. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

4.
OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero; OLIVEIRA, Fernando Bonadia de. Participação em banca de Victor Fiori Augusto. Para além dos preconceitos: as implicações da negação do livre-arbítrio na filosofia política de Espinosa. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

5.
NASCIMENTO, Milton Meira do; SANTIAGO, Homero; PEREIRA, Luciano. Participação em banca de Helgis Torres Cristófaro. O trabalho como categoria na economia política. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

6.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; RAMOS, Silvana de Souza. Participação em banca de Jefferson Martins Viel. Trabalho imaterial: da sociologia à ontologia. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

7.
OLIVA, Luís César; SILVA, Franklin Leopoldo e; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Ricardo Vinícius Mantovani. Limites da apologética pascaliana. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

8.
LACERDA, Tessa Moura; SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza. Participação em banca de Paula Bettani Mendes de Jesus. Do estatuto do conhecimento e da naturalidade do afeto em Espinosa. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

9.
FRANCISCO, Maria de Fátima Simões; DEINA, Wanderley José; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Alessandro Lombardi Crisostomo. O conceito de semiformação e suas relações com a educação em Adorno. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Educação) - Universidade de São Paulo.

10.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César; PAULA, Marcos Ferreira de. Participação em banca de Drayfine Teixeira Moura. A determinação da vontade e a possibilidade da liberdade em Espinosa. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

11.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; NASCIMENTO, Rodnei Antonio do. Participação em banca de Rafael Versolato Gilberto. Salário, dinheiro e poder em 'O Capital' de Karl Marx. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

12.
CHAUI, Marilena de Souza; SANTIAGO, Homero; PAULA, Marcos Ferreira de. Participação em banca de Antônio David. Cultivar a vida, evitar a morte. Ensaio sobre ontologia, política e história em Espinosa. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

13.
LACERDA, Tessa Moura; OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Adilson César. O papel da res infinita na filosofia cartesiana. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

14.
NASCIMENTO, Milton Meira do; SOUZA, Maria das Graças de; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Irineu João Simonetti Filho. Autonomia e universalidade. As condições da ideia moderna de liberdade. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

15.
SANTIAGO, Homero; SAFATLE, Vladimir Pinheiro; RAMOS, Silvana de Souza. Participação em banca de Thiago Silva Augusto da Fonseca. Hardt, Negri e a organização do desejo: pelo Império ou contra o Império?. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

16.
LACERDA, Tessa Moura; SANTIAGO, Homero; PIMENTA, Pedro Paulo. Participação em banca de Adilson César. O papel da res infinita na filosofia cartesiana. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

17.
CHAUI, Marilena de Souza; OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Claudia Ferreira dos Santos. Unidade e diversidade no espinosismo: o atributo como infinita expressividade da substância única. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

18.
FORLIN, Enéias Júnior; MONTEAGUDO, Ricardo; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Adriano Pereira da Silva. Conhecimento e afetividade em Espinosa: da reforma da inteligência à potência do conhecimento como afeto. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

19.
LACERDA, Tessa Moura; OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Luis Claudio Gomes de Oliveira. Por uma teoria da harmonia preestabelecida lebniziana a partir da relação entre corpo e alma. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

20.
OLIVA, Luís César; CHAUI, Marilena de Souza; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Juarez Lopes Rodrigues. Identidade entre ideia e volição. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

21.
ARANTES, Paulo Eduardo; GRESPAN, Jorge; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Douglas Rogério Anfra. Entre a barricada e a trincheira. Um estudo sobre a guerra na obra de Friedrich Engels. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

22.
OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero; SILVA, Franklin Leopoldo e. Participação em banca de Anderson Augusto dos Anjos. O divertimento nos escritos de Pascal. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

23.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César; PAULA, Marcos Ferreira de. Participação em banca de Cátia Cristina Benevenuto de Almeida. Imaginação e superstição. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

24.
SAFATLE, Vladimir Pinheiro; DUNKER, Christian Ingo Lenz; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Maria Elisabeth Egydio de Carvalho. A noção de sujeito em psicanálise a partir da leitura de J. Lacan do cogito de R. Descartes. 2008. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

25.
SANTIAGO, Homero; GALLO, Sílvio Donizetti de Oliveira; RODRIGO, Lídia Maria. Participação em banca de Fernando Bonadia de Oliveira. O lugar da educação na filosofia de Espinosa. 2007. Exame de qualificação (Mestrando em Educação) - Universidade Estadual de Campinas.

26.
BAIONI, José Eduardo Marques; CHAUI, Marilena de Souza; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Henrique Piccinato Xavier. Eternidade sob a duração das palavras. Simultaneidade, geometria e infinito na 'Ética' de Espinosa. 2007. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

27.
CHAUI, Marilena de Souza; FORLIN, Enéias Júnior; SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Carlos Eduardo Pereira Oliveira. Descartes: A teoria da livre criação das verdades eternas. 2007. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

28.
SANTIAGO, Homero; SILVA, Franklin Leopoldo e; FORLIN, Enéias Júnior. Participação em banca de Adriano Albuquerque. A ordem do ser e a ordem do conhecer: subordinação da ordem das razões à ordem do Ser. 2006. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

29.
SANTIAGO, Homero; CHAUI, Marilena de Souza; ANDRADE, Fernando Dias. Participação em banca de André Menezes Rocha. Fortuna e superstição. Sobre o prefácio do Tratado teológico-político de Espinosa. 2006. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Pedro Carvalho. A cultura underground enquanto núcleo de questionamento da realidade urbana moderna. 1995. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Colegial) - Colégio Oswald de Andrade.

2.
SANTIAGO, Homero. Participação em banca de Ana Galleti M. de Oliveira. O conceito de liberdade em Sartre. 1994. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Colegial) - Colégio Oswald de Andrade.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
ABEL, Brutus; LEISTER, Ana Carolina; SANTIAGO, Homero. Concurso para o cargo de docente de Filosofia. 2018. Instituto Tecnológico de Aeronáutica.

2.
SOUZA, Luís Eduardo Ramos de; SANTIAGO, Homero; MEIRELLES, Agostinho de Freitas. Concurso para o cargo de docente de Filosofia Geral. 2015. Universidade Federal do Pará.

3.
DI CLEMENTE, Fabio; LEITE, José Carlos; SANTIAGO, Homero. Concurso para o cargo de docente de História da Filosofia Contemporânea. 2010. Universidade Federal de Mato Grosso.

Livre docência
1.
MATOS, Olgária; CHAUI, Marilena de Souza; AMANCIO, Moacir; OLIVA, Luís César; SANTIAGO, Homero. Concurso para obtenção do título de livre-docência. 2016. Universidade Federal de São Paulo.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Jornada espinosana da UnB.Mesa III. 2018. (Encontro).

2.
XX Encontro de Pesquisa na Graduação em Filosofia da USP.Mesa: Por que pesquisar na graduação em filosofia?. 2017. (Encontro).

3.
II Encontro de Pós-Graduação em Filosofia da USP.Mesa 8: Atualização da História da Filosofia. 2015. (Encontro).

4.
Mesa redonda espinosana.Mesa redonda espinosana. 2015. (Outra).

5.
Amor na modernidade - conexões e desconexões.Amor na modernidade - conexões e desconexões. 2013. (Outra).

6.
I Colóquio Luso-Brasileiro Maquiavel-Espinosa.Mesa redonda. 2013. (Encontro).

7.
Jornadas Marxistas Leitores de Espinosa.Mesa Argentina-Brasil. 2013. (Encontro).

8.
X Colóquio Internacional Spinoza: Spinoza e as Américas. Mesa 15. 2013. (Congresso).

9.
X Colóquio Internacional Spinoza: Spinoza e as Américas. Mesa 17. 2013. (Congresso).

10.
XX Simpósio internacional de iniciação científica da Universidade de São Paulo. Mesa Ética e Religião. 2012. (Congresso).

11.
Colóquio Internacional Republicanismo e Democracia.Mesa 16. 2011. (Encontro).

12.
VI Encontro de Pós-Graduandos da FFLCH/USP.Mesa Filosofia IV. 2011. (Encontro).

13.
VI Encontro de Pós-Graduandos da FFLCH/USP.Mesa Filosofia III. 2011. (Encontro).

14.
XIX Simpósio internacional de iniciação científica da Universidade de São Paulo.Mesa Pensamento antigo. 2011. (Simpósio).

15.
Espinosa. Ser e agir. Por uma teoria espinosana do possível. 2010. (Congresso).

16.
V Encontro de Pós-Graduação da FFLCH-USP.Mesa Espiritualidade e formas de transgressão. 2010. (Encontro).

17.
XIX Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Espinosa e as modalidades. 2010. (Congresso).

18.
XVIII Simpósio internacional de iniciação científica da USP.Mesa O sujeito e a política. 2010. (Simpósio).

19.
II Congresso Internacional Spinoza & Nietzsche. Coordenação de mesa de conferências. 2009. (Congresso).

20.
IV Encontro de Pós-Graduandos da FFLCH-USP.Mesa Ciência: discurso, cultura e valores. 2009. (Encontro).

21.
III Colóquio de Psicopatologia e Saúde Pública.Mesa Linguagem e liberdade. 2008. (Simpósio).

22.
Universidade e as profissões.Apresentação do curso de Filosofia. 2008. (Outra).

23.
XIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF.GT Pensamento do Século XVII. 2008. (Encontro).

24.
XVI Simpósio internacional de iniciação científica da USP.Mesa de Filosofia moderna. 2008. (Simpósio).

25.
Cuarto Coloquio Internacional Spinoza. Coordenação de mesa. 2007. (Congresso).

26.
XIV Simpósio internacional de iniciação científica da USP.Mesa Newton, Russell e Wittgenstein. 2006. (Simpósio).

27.
15a Jornada de informação profissional.Sobre o curso de filosofia. 2005. (Outra).

28.
XII Simpósio de iniciação científica da USP.Mesa Teoria social e vivência. 2004. (Simpósio).

29.
V Congresso internacional da Associação nacional de estudos filosóficos dos século XVII. Debatedor. 2003. (Congresso).

30.
VII Encontro de pequisa na graduação em filosofia.Coordenação de mesa. 2003. (Encontro).

31.
VI Encontro de pesquisa na graduação em filosofia.Mesa Ética e filosofia política. 2002. (Encontro).

32.
Jornada Espinosa.Debatedor. 1999. (Encontro).

33.
II Encontro de pequisa na graduação em filosofia.Coordenação da mesa de Estética. 1998. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SANTIAGO, Homero. Ciência e moral em Descartes. 2018. (Outro).

2.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César ; LACERDA, Tessa Moura . Uma perspectiva feminista sobre as éticas do cuidado. 2018. (Outro).

3.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César ; LACERDA, Tessa Moura . Filosofia política e crítica das ideologias. Desafios contemporâneos para uma relação entre imanência e dialética. 2018. (Outro).

4.
SANTIAGO, Homero; OLIVA, Luís César ; LACERDA, Tessa Moura . Espinosa e a Cultura de Língua Portuguesa. 2018. (Outro).

5.
SANTIAGO, Homero; CARDOSO, Sérgio . Em torno de Maquiavel. 2017. (Outro).

6.
SANTIAGO, Homero; TIBLE, Jean ; TELLES, Vera . Diálogos com Antonio Negri. 2016. (Congresso).

7.
SANTIAGO, Homero. A ontologia política de Espinosa na leitura de Antonio Negri. 2016. (Outro).

8.
SANTIAGO, Homero. Podemos e Syriza: experimentações políticas e democracia no século 21. 2015. (Outro).

9.
BARROS, Douglas Ferreira ; SANTIAGO, Homero ; OLIVA, Luís César . I Colóquio luso-brasileiro Maquiavel-Espinosa. 2013. (Congresso).

10.
FRAGOSO, Emanuel Angelo da Rocha ; ITOKAZU, Éricka Marie ; ROCHA, Maurício ; GUIMARAENS, Francisco de ; SANTIAGO, Homero . X Colóquio Internacional Spinoza: Spinoza e as Américas. 2013. (Congresso).

11.
VIEIRA, Rafael Barros ; SANTIAGO, Homero ; ROCHA, Maurício ; STERN, Ana Luíza Saramago ; GUIMARAENS, Francisco de ; CANTO, Vanessa Barros do . Jornadas Antonio Negri. 2011. (Congresso).

12.
SOUZA, Maria das Graças de ; BIGNOTTO, Newton ; CARDOSO, Sérgio ; SANTOS, Antônio Carlos dos ; BARROS, Alberto Ribeiro Gonçalves de ; BARROS, Douglas Ferreira ; SANTIAGO, Homero . Colóquio Internacional Republicanismo e Democracia. 2011. (Outro).

13.
BARROS, Douglas Ferreira ; STERN, Ana Luíza Saramago ; ROCHA, Maurício ; SANTIAGO, Homero ; GUIMARAENS, Francisco de . Jornadas Antonio Negri. 2010. (Congresso).

14.
OLIVA, Luís César ; MARTINS, André ; SANTIAGO, Homero . II Congresso Internacional Spinoza & Nietzsche. 2009. (Congresso).

15.
BARROS, Douglas Ferreira ; SANTIAGO, Homero ; VILLANOVA, Marcelo Gross . Colóquio Internacional Hobbes: Natureza, História e Política. 2009. (Congresso).

16.
SANTIAGO, Homero. Filosofia e currículo no ensino médio. 2009. (Outro).

17.
SANTIAGO, Homero. A didática no ensino de filosofia para o ensino médio. 2009. (Outro).

18.
SANTIAGO, Homero; SOUZA, Maria das Graças de . Jornadas Bacon. 2007. (Congresso).

19.
SANTIAGO, Homero; ROCHA, André Menezes . Jornada Pascal. 2005. (Outro).

20.
SANTIAGO, Homero; FERRAZ, Marcus Sacrini A. ; CARDIM, Leandro Neves . I Encontro de filosofia francesa contemporânea. 2003. (Congresso).

21.
SANTIAGO, Homero. Exposição em homenagem ao prof. Lívio Teixeira. 2003. (Exposição).

22.
SANTIAGO, Homero. I Encontro de estudos sobre o século XVII. 1996. (Congresso).

23.
AMARAL, Eduardo Garcia do ; KEINERT, Maurício ; SANTIAGO, Homero ; SANTOS, André Luís ; NASCIMENTO, Luís Fernandes dos Santos . Colóquio Sartre 90 anos. 1995. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Renan Meira Zapata Moreno. O conceito de senso comum nos Quaderni del carcere de Antonio Gramsci: o eixo filosófico de sua teoria política. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

2.
Samuel Thimounier Ferreira. A correspondência de Espinosa com Tschirnhaus: tradução e estudo. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

3.
Tatiana Aparecida Picosque. De Espinosa ao leitor filósofo: superstição, teologia e política segundo o Tratado teológico-político. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Ricardo Mari Neto. A relação entre potência e poder no interior do regime democrático. Estudo sobre o Tratado Político de Bento de Espinosa. Início: 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Cláudia Pellegrini Braga. As condições de possibilidade de um conceito de autonomia da multidão. Início: 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Amanda Moura Fernandes. Estudo sobre personagens e figuras no pensamento artístico e filosófico segundo Deleuze. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

2.
Danilo Augusto de Oliveira. O conceito de axioma n?O Anti-Édipo. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo. (Orientador).

3.
Matheus Romero de Morais. O Necessário: Um estudo das noções de natureza naturante e natureza naturada na Ética I de Espinosa. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, USP - Pró-Reitoria de Graduação. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Jefferson Martins Viel. A formação do conceito de trabalho imaterial na filosofia de Antonio Negri. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Homero Silveira Santiago.

2.
Helgis Torres Cristófaro. O trabalho como categoria na economia política. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Homero Silveira Santiago.

3.
Rafael Versolato Gilberto. O mistério do real: capital e trabalho assalariado. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Homero Silveira Santiago.

4.
Thiago Silva Augusto da Fonseca. Hardt, Negri e a organização do desejo. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Homero Silveira Santiago.

5.
Claudia Ferreira dos Santos. Unidade e diversidade no espinosismo: o atributo como infinita expressividade da substância única. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Homero Silveira Santiago.

6.
Carlos Eduardo Pereira Oliveira. Descartes: a livre criação das verdades eternas. 2008. 0 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Secretaria de Estado da Educação. Orientador: Homero Silveira Santiago.

7.
Catia Cristina Benevenuto de Almeida. A questão da supersticão em Espinosa. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Homero Silveira Santiago.

Tese de doutorado
1.
Catia Cristina Benevenuto de Almeida. Memória e historia em Espinosa, uma física dos corpos. 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Homero Silveira Santiago.

2.
Márcio Ferreira Rodrigues Pereira. In praise of rebellion: constituent power, democracy and the American Revolution. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Queen's University. Coorientador: Homero Silveira Santiago.

3.
Fernando Bonadia de Oliveira. Geometria e democracia: o conceito de comum na filosofia de Espinosa. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Homero Silveira Santiago.

4.
Carlos Eduardo Pereira Oliveira. A teoria cartesiana da criação. 2009. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Homero Silveira Santiago.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Alfredo Gatto. 2018. Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Homero Silveira Santiago.

Iniciação científica
1.
Ricardo Polidoro Mendes. O conceito de potência na parte I da Ética de Espinosa. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Homero Silveira Santiago.

2.
Gabriel Antônio Custódio Silva. O modelo de natureza humana na Ética de Espinosa. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, USP - Pró-Reitoria de Graduação. Orientador: Homero Silveira Santiago.

3.
Douglas Nunes Vieira. O Arrependimento na Ética de Espinosa: o homem como causa de sua própria tristeza. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo. Orientador: Homero Silveira Santiago.

4.
Maria Rita Umeno Morita. A concepção de partido em Lênin e Rosa Luxemburgo. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, USP - Pró-Reitoria de Graduação. Orientador: Homero Silveira Santiago.

5.
Lucas Mantovani Oliveira. L?impromptu des Philosophes: teatro, filosofia e tradução. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo. Orientador: Homero Silveira Santiago.

6.
Fábio Toshiro Iijima. Espinosa e o método. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, USP - Pró-Reitoria de Graduação. Orientador: Homero Silveira Santiago.

7.
Leandro Gomes da Silva. Guerra e paz em Espinosa: do conflito na solidão ao conflito e à pax no imperium multitudinis. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, USP - Pró-Reitoria de Graduação. Orientador: Homero Silveira Santiago.

8.
João Paulo Dias de Azevedo Dantas. Os prejuízos da religião. Superstição e medo na filosofia de Espinosa. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, USP - Pró-Reitoria de Graduação. Orientador: Homero Silveira Santiago.

9.
Josué Ribeiro Lima. A natureza do conhecimento imaginativo segundo a filosofia de Espinosa. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Homero Silveira Santiago.

10.
Drayfine Teixeira Moura. A metáfora dos cães: a crítica de Espinosa ao estoicismo no prefácio da Ética V. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, USP - Pró-Reitoria de Graduação. Orientador: Homero Silveira Santiago.

11.
Eduardo Carli de Moraes. Investigações sobre o ateísmo na Filosofia. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas. Orientador: Homero Silveira Santiago.

12.
Felipe Lima de Medeiros. Os gêneros de conhecimento em Espinosa. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Homero Silveira Santiago.



Educação e Popularização de C & T



Cursos de curta duração ministrados
1.
SANTIAGO, Homero. Superstição e liberdade no espinosismo. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
SANTIAGO, Homero. Espinosa precursor das ciências humanas. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
SANTIAGO, Homero. Amor e desejo são a mesma coisa?. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
SANTIAGO, Homero. Superstição e liberdade. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
SANTIAGO, Homero. Espinosa precursor das ciências humanas. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
SANTIAGO, Homero. O conceito de multidão. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
SANTIAGO, Homero. Introdução à Ética de Espinosa. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 21/10/2018 às 20:05:35