Denise Oliveira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6107543687134940
  • Última atualização do currículo em 05/11/2018


Pesquisadora Titular da Gerencia Regional de Brasilia da Fundação Oswaldo Cruz. Tem mestrado em Ciência da Alimentação pela Universidade de Gand Belgica(1992), Mestrado em Ciências da Saúde Pública pela Escola Nacional de Saúde Pública, da FIOCRUZ(1995), Doutorado em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasilia(2000) e Pós-doutorado em Antropologia da Alimentação pela Ecole des Hautes Etudes en Science Sociales de Paris, França(2012).É professora do Programa de Pós Graduação Políticas Públicas da Escola Fiocruz de Governo. Professora Associada ao Programa de Nutrição Humana da Universidade de Brasilia. Coordena o Observatório Brasileiro de Hábitos Alimentares . É Editora Chefe da Revista de Alimentação e Cultura das Américas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Denise Oliveira
Nome em citações bibliográficas
SILVA, D. O.;OLIVEIRA E SILVA, DENISE;SILVA, DENISE OLIVEIRA E;SILVA, DENISE OLIVEIRA

Endereço


Endereço Profissional
FIOCRUZ-BRASILIA, Diretoria Regional de Brasília.
AV. L 3 NORTE CAMPUS UNIVERSITARIO DARCY RIBEIRO, GLEBA A SC4
ASA NORTE
70910900 - Brasília, DF - Brasil
Telefone: (61) 33294527
Fax: (61) 33400340


Formação acadêmica/titulação


1997 - 2001
Doutorado em Ciências da Saúde.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Conhecimentos, Atitudes e Práticas de Profissionais de Saúde da Atenção Básica sobre Promoção da Alimentação Saudável, Ano de obtenção: 2001.
Orientador: Eduardo Flavio Oliveira Queiroz.
Palavras-chave: alimentação saudável para profissionais de saúde.
Grande área: Ciências da Saúde
Setores de atividade: Educação Superior; Cuidado À Saúde das Populações Humanas; Nutrição e Alimentação.
1993 - 1995
Mestrado em Saúde Pública.
Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Título: História do Corpo Obeso em Mulheres de Baixa Renda,Ano de Obtenção: 1995.
Orientador: Maria Cecília de Souza Minayo.
Palavras-chave: obesidade em mulheres; representações sociais do corpo obeso.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.
Setores de atividade: Saúde Humana; Educação.
1990 - 1991
Mestrado profissional em CISNA.
Universidade de Gand, UG, Bélgica.
Título: Obesité chez les femmes pauvres-, Ano de Obtenção: .
Orientador: Ivan Beghin.
Bolsista do(a): Organização Mundial da Saúde, OMS, Bélgica.
Palavras-chave: modelo causal da obesidade de mulheres; nutrição e desenvolvimento social.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Políticas de Alimentação e Nutrição.


Pós-doutorado


2010 - 2012
Pós-Doutorado.
Ecoles des Hautes Etudes Sciences Sociales de Paris, EHSS, França.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Formação Complementar


1988 - 1988
Extensão universitária em Planejamento em Alimentação e Nutrição. (Carga horária: 180h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
1987 - 1988
Extensão universitária em Ciencia Politica. (Carga horária: 360h).
Faculdade Bennet, FBENNET, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Alagoas, UFAL, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

1995 - 2001
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Escola Nacional de Saúde Publica, ENSP, Brasil.
Vínculo institucional

1987 - 1995
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Escola Nacional de Saúde Pública, ENSP/FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

1986 - 2001
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 40


Instituto Nacional de Alimentação e Nutrição, INAN, Brasil.
Vínculo institucional

1995 - 1996
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Secretária de Programas Especiais, Carga horária: 40

Atividades

02/1998 - 07/1999
Direção e administração, .

Cargo ou função
Coordenação do Sistema Nacional de Vigilância Alimentar e Nutricional.
10/1997 - 02/1998
Direção e administração, .

Cargo ou função
Coordenação do Sistema Nacional de Vigilância Alimentar e Nutricional.
07/1994 - 07/1997
Direção e administração, .

Cargo ou função
Secretária de Programas Especiais com função de coordenação nacional do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional e de Estudos e Pesquisas Relevantes na área de Alimentação e Nutrição para o Brasil..

Centro Nacional de Epidemiologia, CENEPI, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 1998
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Coordenadora, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/1997 - 02/1998
Serviços técnicos especializados , Coordenação de Sistemas de Vigilância, .

Serviço realizado
Coordenação do Sistema Nacional de Vigilância Alimentar e Nutricional.

Ministério da Saúde, MS, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 2001
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Coordenadora Nacional do SISVAN, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Fundação Oswaldo Cruz-Diretoria Regional de Brasilia, DIREB-FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 40


Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, CONSEA, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Assessoramento à Presidência, Enquadramento Funcional: Assessoria
Outras informações
Assessoramento à Presidência do CONSEA.



Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Analise da Politica Nacional de Saúde Integral da População Negra
Descrição: Trata-se de um projeto que visa analisar o eixo do acesso ao plano operativo do SUS da Politica Nacional de Saúde Integral da População Negra.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Andrey Roowelt Chagas Lemos - Integrante.
2015 - Atual
Patrimonios materiais e imateriais de promoção a alimentação saudável em população quilombola no Brasil
Descrição: Trata-se da realização de pesquisa historico-documental sobre patrimonios materiais e imateriais de população quilombola no Brasil relacionado a promoção da alimentação saudável.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Leonor Maria Pacheco Santos - Integrante.Número de orientações: 5
2014 - Atual
Saúde e Qualidade de Vida do Grupo Materno Infantil em Comunidades Quilombolas em diferentes Macro-regiões brasileiras: estudo multicentrico
Descrição: Após a abolição da escravatura no Brasil, ocorrida em 13 de maio de 1888, os negros continuaram sua luta, sobretudo, pela igualdade de direitos. Isso ainda é uma realidade nos dias atuais, apesar das diversas vitórias alcançadas. Uma dessas conquistas ocorreu por ocasião da 8ª Conferência Nacional de Saúde, realizada em 1986, na qual se aprovou a proposta da saúde como direito universal de cidadania e dever do Estado. Como principal desdobramento dessa deliberação, a Assembleia Nacional Constituinte introduziu o sistema de seguridade social na Constituição Federal de 1988, do qual a saúde passou a fazer parte como direito universal, independentemente de cor, raça, religião, local de moradia e orientação sexual, a ser provido pelo Sistema Único de Saúde . Ainda no âmbito da Constituição de 1988 e especificamente em relação às comunidades quilombolas, se estabeleceu no Artigo 68, do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, o marco legal relativo a essas comunidades, definida posteriormente por meio do Decreto nº 4.887, de 20 de novembro de 2003 como ?grupos étnico-raciais, segundo critérios de auto atribuição, com trajetória histórica própria, dotados de relações territoriais específicas, com presunção de ancestralidade negra relacionada com a resistência à opressão histórica sofrida? . Assim, emerge das lutas sociais novos sujeitos de direitos e cidadania: as comunidades remanescentes de quilombos. Como consequência, cria-se em nível federal a política pública de promoção da igualdade racial direcionada à população negra, na qual inclui-se o Programa Brasil Quilombola, lançado em 12 de março de 2004, com o objetivo de consolidar os marcos da política de Estado para essas comunidades. Dentre seus eixos de atuação constam: acesso à terra, infraestrutura e qualidade de vida, inclusão produtiva e desenvolvimento local e direitos e cidadania . Todavia, nenhum estudo fora realizado visando avaliar a efetividade das ações empreendidas no contexto dessa política. Contudo, dados referentes à população brasileira como um todo têm revelado sistematicamente a inferioridade da população negra em relação à população branca quando se confrontam os respectivos indicadores sociais. Assim, os negros têm menor expectativa de vida ao nascer, maior taxa de analfabetismo, ... Racismo institucional e invisibilidade social Várias iniciativas governamentais com base em ações afirmativas para a população negra tem sido realizadas. Em meio a polissemia do conceito de racismo pela inflação de definições e conceitos de dimensões ideológicas e politizadas(Silvério, 2002; Machado, 2000; Lopes, 2005; Lopés, 2012). A importância deste debate se coloca e pode contribuir para inserir na agenda das políticas publicas a reflexão de ações humanizadas a pessoas e grupos em função de sua cor de pele, cultura e etnia. Assim, o conceito embora tenha seu arcabouço definido por pressupostos históricos, ideológicos e sociais revela a importância das políticas institucionais não contribuírem para a geração de desigualdades sociais, econômicas. Neste sentido, no campo da saúde a inclusão do quesito raça cor é um avanço para a superação da invisibilidade histórica das iniquidades sociais da população negra mas ao mesmo tempo que contribui com ações de melhoria das condições de vida não deve se constituir como expressão de poder sobre a vida deste seguimento populacional(Lopes, 2005; Kalckmann, 2007;Lopéz, 2012). Neste sentido, o desafio é desenvolver estudos e pesquisa que contribuam para que as políticas públicas em que ações de racismo institucional sejam indicadores da eficiência destas políticas no Sistema Único de Saúde. A realização de estudos que forneçam informações sobre o perfil de saúde e qualidade de vida de populações é de grande importância por possibilitarem, por um lado, as atividades de controle social no sentido de exigir do Estado o cumprindo.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - Atual
Migração e Comensalidade: a influência das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares no Capital do Brasil-Brasília
Descrição: O Rio de Janeiro foi capital política do Brasil Colonial, Imperial e Republicano até 1960, com sua transposição para a recém criada capital, denominada de Brasília. Uma vez criada uma cidade para ser capital, uma de suas principais características é atrair migrantes. Assim, Brasília como o Rio de Janeiro vai paulatinamente obter características de metrópole, com prestígio político, artístico, cultural e econômico, com variada gastronomia e intensa diversidade étnica. Evolui para obter caráter socioeconômico, igualmente de interface cultural como espaços de preservação dos patrimônios culturais. Estes espaços foram se desenvolvendo pela influencia da migração de grupos populacionais das cinco macrorregiões brasileiras. Assim, observa-se o surgimento das ?Feiras Populares? em Brasília, como expressão de sustentação comercial para as práticas gastronômicas mais plurais e a representação valorativa como foco de resistência cultural. As ?Feiras? são um lugar de memória, ou seja, espaços que acolhem e comercializam receitas da culinária tradicional brasileira, sendo fontes regionais, ademais, espaços turísticos que contribuem para o fortalecimento do patrimônio alimentar. Nesta pesquisa, pretendemos demarcar a feiras populares de venda de alimentos e de preparações culinárias como espaços de resgate e reinvenção da culinária brasiliense. Para isto, as estratégias a serem implementadas por esta pesquisa, visam constituir por meio da abordagem etnográfica, a compreensão das relações simbólicas e culturais e de representação do sentido gastronômico destas feiras em Brasília. Nosso entendimento é que a migração nas capitais brasileiras é a fonte promotora das feiras populares, onde se encontram atividades comerciais e de comensalidade, além de outras. Assim, ao compreender os saberes gastronômicos presentes nestas feiras poderemos entender a formação dos hábitos alimentares, pelo resgate da memória histórica individual e coletivas que constituem permanências e transformações, em caráter local ou em escala global nos hábitos alimentares, que podem ser transmitidas subjetivamente, tanto por indivíduos ou por instituições..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador.
2012 - Atual
Autobiografias e biografias alimentares como estratégia de informação, comunicação e educação para a abordagem do excesso em mulheres.
Descrição: Trata-se de um projeto de estratégias de ações de informação,educação e comunicação para contribuir Programa Bolsa Família. Seu objeto está relacionado a compreensão do fenômeno do excesso de peso como expressão histórico-econômica e social circunscrita na biografia de indivíduos de mulheres que vivem esta experiência e no desenvolvimento de diretrizes de abordagem de informação, comunicação e educação do excesso de peso em mulheres beneficiárias de programas de promoção a alimentação saudável e adequada no Brasil. A metodologia ser utilizada é com base em uma investigação qualitativa por meio da utilização do método de História de Vida e a Observação Participante direcionado a captar e construir autobiografias e biografias de mulheres com excesso de peso de áreas urbanas, rurais e de comunidades tradicionais indígenas e quilombolas no Brasil com o propósito de contextualizar as ações de informação, comunicação e educação para a atenção e cuidado do excesso de peso e obesidade no país. Os sujeitos da pesquisa serão mulheres com excesso de peso(entre 25 a 30 do IMC) de 20 a 55 anos, de áreas urbanas,rurais e comunidades tradicionais indígenas e quilombolas no Brasil. paPara isto os coordenadores da pesquisa farão a divulgação pelos Conselhos de Segurança Alimentar e Nutricional Estaduais, por meio do contato pessoal e virtual com o propósito de identificar as mulheres interessas em participar da pesquisa. Serão realizadas um quantitativo de entrevistas segundo as definições relativas ao objeto do projeto e os requisitos de saturação das narrativas segundo recomendações metodológicas da abordagem qualitativa. Os profissionais de saúde que desempenham ações de atenção e cuidado como também aqueles que estão na gestão, e os locais onde são realizadas ações exitosas de atenção e cuidado ao excesso de peso em mulheres, serão sujeitos desta pesquisa.Para atender este requisito, será realizado um inventário das experiências exitosas em informação,comunicação e educação, com base a consulta de referencial bibliográfico e a consulta a redes sociais e técnicas no âmbito da saúde e da segurança alimentar e nutricional. Será realizada a observação participante por um período tempo entre 01 mês a no máximo 03 meses, com o propósito de observar pela interação com os sujeitos da pesquisa, do local, da linguagem, das abordagens utilizadas na atenção e cuidado a mulheres com excesso de peso. Serão utilizados dois tipos de instrumentos de coleta de dados: Roteiros de Campo, e para as entrevistas e a observação participante e o Diário de Campo, elaborado com a finalidade de agrupar anotações relevantes para o desenvolvimento metodológico e temático da investigação, durante todo o processo de trabalho. Este projeto tem como principais contribuições oferecer a compreensão do excesso de peso a luz da experiência vivida dos sujeitos desta problemática. Seu objeto e desenho metodológico introduz as teorias compreensivas como componente fundamental na compreensão das escolhas alimentares humanas que podem ser utilizadas na formação de profissionais de vários campos do conhecimento. E finalmente seus resultados podem contribuir para o aperfeiçoamento das estratégias de informação,comunicação e educação do Plano Intersetorial de Prevenção e Controle da Obesidade: promovendo modos de vida e alimentação adequada e saudável para a população brasileira..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Daniela Sanches Frozi - Integrante / Caio Capela - Integrante.Número de orientações: 7
2012 - Atual
Dinâmica da escolha alimentar familiar de mulheres beneficiárias do Programa Bolsa Família no Distrito Federal e no Rio de Janeiro
Descrição: O contexto das políticas públicas de combate a miséria e a pobreza revelam a necessidade de ampliação do conceito de Segurança Alimentar e Nutricional pela inclusão de aspectos relacionados a gênese do excesso de peso e da obesidade como questões oriundas de fatores sinérgicos da qualidade e da quantidade da ingestão alimentar. Ao longo das décadas as mulheres foram adquirindo maior participação e acumulando tarefas e funções na sociedade. Atualmente elas estão exercendo junto com as funções de donas de casa, mães e inseridas atividades no mercado de trabalho, com funções muitas vezes de liderança. Essa característica de liderança também está evidente dentro do núcleo familiar tanto do ponto de vista sócio-antropológico como econômico, sobretudo nas cidades urbanas. Esse empoderamento dado às mulheres na gestão de programas de transferência de renda tem contribuído positivamente na visibilidade destas enquanto consumidoras, líderes do espaço doméstico e na sua percepção enquanto membros atuantes da sociedade. Todas essas características descritas acima corroboram com a importância das mulheres não só para o recebimento como também para as escolhas alimentares oriundas da renda do PBF. Uma alimentação saudável é fator de proteção para uma série de enfermidades e espera-se que recursos de programas de transferência de renda tenham como princípio a aquisição de alimentos saudáveis. Entender a utilização desses recursos em prol de uma alimentação saudável e adequada é um dos objetivos desse estudo. Assim, o projeto ora apresentado tem sua pertinência relacionada ao eixo transferência de renda do Plano Brasil Sem Miséria(PBSM) realizado pela Fundação Oswaldo Cruz(FIOCRUZ) e assume como referencial estratégico a realização de investigação em duas cidades de atuação da FIOCRUZ PBSM. Para isto será realizado estudo qualitativo pela utilização de abordagem etnográfica e análise hermenêutica. Será realizado com a participação de mulheres beneficiárias do BSM pela observação direta da dinâmica de escolha de alimentos relacionados aos equipamentos públicos e privados para a aquisição de alimentos e a preparação culinária dos mesmos em nível domiciliar. Serão realizadas entrevistas em profundidade sobre aspectos sociais, simbólicos e culturais sobre a escolha de alimentos e preparações culinárias e sobre a percepção da segurança alimentar e nutricional. O local de estudo são os equipamentos públicos e privados frequentados pelas e mulheres beneficiárias participantes do estudo e seus domicílios na cidade de Sobradinho no Distrito Federal e no bairro de Manguinhos no Rio de Janeiro. Os sujeitos da pesquisa serão mulheres maiores de 18 anos, beneficiadas pelo Programa Bolsa Família pertencentes às famílias cadastradas na Estratégia Saúde da Família no Rio de Janeiro do Centro de saúde Escola Germano Sinval Faria e Clínica da Família Victor Valla e no Distrito Federal, os Centros de Saúde da cidade de Sobradinho..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Maria do Carmo Freitas - Integrante / Daniela Sanches Frozi - Integrante / Caio Capela - Integrante / Tiago de Aragão - Integrante / Maria Clara Camara - Integrante.
2006 - 2008
Análise de Estratégias de Informação, Comunicação e Educação para a Promoção da Alimentação Saudável
Descrição: O projeto Análise de Estratégias de Informação, Comunicação e Educação para a Promoção da Alimentação Saudável desenvolvido por duas unidades da Fundação Oswaldo Cruz, a FIOCRUZ-Brasília e a Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, faz parte dos projetos de pesquisa do Grupo de Pesquisa......... Desde o desenvolvimento de suas atividades, o objeto de trabalho do projeto tem sido priorizado para a formação de recursos humanos em lato e sticto sensu em parceria com o Departamento de Nutrição da Universidade de Brasília Dentre as pesquisas realizadas destacas-se a Pesquisa(Patrícia Martins), base para teses de mestrado defendidas em 2004. O projeto que será apresentado foi contemplado no edital ........do CNPQ, com financiamento para ser executado entre 2006 e 2008. O documento apresenta a estrutura geral do projeto organizado em três subprojetos que buscam analisar estratégias de IEC em três espaços de promoção a alimentação saudável: serviços de saúde de atenção básica; escolas de ensino fudamental e um programa de mobilização para o combate a fome do governo federal. É importante destacar que o projeto será desenvolvido simultaneamente em duas cidades onde estão sediadas as unidades da FIOCRUZ acima referidas. Esta opção foi baseada na parceria destas unidades desde 2000 no campo da alimentação e nutrição para a formação de recursos humanos em lato e stricto sensu como também na geração de conhecimento para o desenvolvimento e aperfeiçoamento de programas e políticas públicas. 1. CARACTERIZAÇÃO DO PROBLEMA: A industrialização, a globalização e o rápido desenvolvimento tecnológico se refletem em todos os aspectos da vida humana, incidindo na condição humana mais preciosa: a saúde. Para a promoção mundial da saúde, tem-se focado em medidas promotoras como a alimentação saudável, por ser um fator determinante para a redução de deficiências nutricionais e para a redução da incidência de doenças crônicas não transmissíveis. Entre muitas estratégias promotoras da alimentação saudável, existe a utilização de guias alimentares que são embasados na necessidade de um modelo de atenção à saúde que integre a segurança alimentar e nutricional. Os agravos nutricionais decorrentes do consumo alimentar inadequado de nutrientes, como a desnutrição, obesidade, carência de micronutrientes, anemia e hipovitaminoses são reconhecidos como sérios problemas de saúde pública no país (Monteiro, 2000). Historicamente, os meios de comunicação têm sido utilizados como uma das principais ferramentas para divulgação de políticas e programas governamentais no campo da saúde e são referidos como interlocutores imprescindíveis na promoção de práticas e estilos de vida saudáveis. Porém, esses mesmos meios de comunicação também divulgam propagandas que veiculam produtos, práticas alimentares, atividades físicas e outros mecanismos incompatíveis com o que é preconizado como estilo de vida saudável pelos principais organismos nacionais e internacionais de saúde (Serra, 2001). A partir de 1999 o Governo Federal tem direcionado mais o foco nas questões de alimentação e nutrição e nos últimos anos tem discutido e promovido uma série de ações entre os diferentes setores do Poder Executivo. Em 2003 o tema Segurança Alimentar e Nutricional passou a ter espaço destacado na agenda nacional, tendo-se a partir de então, uma preocupação maior quanto a essas questões, agora de maneira mais efetiva com a realização das Conferências Municipais de Segurança Alimentar e Nutricional, culminando na II Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional em março de 2004, em Olinda ? PE. Nesta, ficou definido de maneira clara, a desnutrição e a obesidade como expressões referentes à insegurança alimentar. As agendas de combate à pobreza e à fome e promoção da qualidade de vida deveriam ser articuladas e implementadas em conjunto, pautadas em práticas aliment.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Simone Armond Serrão - Integrante / Patricia Chaves Gentil - Integrante / Patricia Fernandez Martins - Integrante.Número de orientações: 2
2006 - 2008
Avaliação da tendencia de sobrepeso e obesidade e a influencia da renda monetária de crianças da 1ª série do ensino fundamental na escolhas de alimentos ditos saudáveis e sua determinação no estado nutricional
Descrição: As crianças em idade escolar (6 a 10 anos de idade) apresentam crescimento lento e estão sujeitas a morbidades e agravos decorrentes a fatores ambientais, com possível repercussão na aprendizagem. Os problemas mais prevalentes em escolares constituem-se ainda no déficit do crescimento, ainda que os percentuais venham diminuindo ao longo das últimas décadas; na obesidade, que diante dos dados epidemiológicos apresenta-se em ascensão no mundo moderno; e na anemia ferropriva, que representa a alteração nutricional de maior magnitude. Estudos no ambiente escolar justificam-se devido ao fato da criança passar boa parte do tempo na escola, sendo um espaço importante para obtenção de informações e identificação de distúrbios nutricionais, assim como empreender esforços voltados a ações de alimentação e nutrição. O presente Estudo justifica-se pela necessidade de conhecer o perfil nutricional das crianças em idade escolar do Distrito Federal, dando continuidade a um Estudo realizado em 1998 em escolas públicas da Regional Norte de Saúde. Soma-se a isso a possibilidade de estimar o quanto de recursos financeiros uma criança gasta com alimentos ditos não saudáveis e assim associar o quanto isso influencia nas escolhas alimentares e no perfil nutricional do aluno. Seus objetivos visam avaliar a influência da renda monetária auferida por uma criança da 1ª série do Ensino Fundamental de escolas da Fundação Educacional do Distrito Federal, pertencentes à área de abrangência da Regional Norte de Saúde, na escolha de alimentos ditos não saudáveis e o quanto isso pode determinar seu estado nutricional. A hipótese da pesquisa é que quanto maior a renda monetária auferida pela criança, maior o seu poder de compra de alimentos dito não saudáveis, podendo contribuir para inclusão de hábitos alimentares e exercer influência em seu estado nutricional. Como um dos objetivos do trabalho proposto é a avaliação da tendência temporal de sobrepeso e obesidade em escolares, foi utilizada a mesma metodologia adotada pela Pesquisa ?Nutrição Escolar ? Avaliação do estado nutricional de escolares das unidades da Rede Oficial de Ensino, localizadas na Regional Norte do Distrito Federal?, realizada em 1998 pelo Departamento de Nutrição da Universidade de Brasília, a qual teve como objetivo avaliar o estado nutricional, os hábitos alimentares e a prevalência de anemia, visando subsidiar ações relacionadas à nutrição que pudessem ser desenvolvidas no Ensino Fundamental do Distrito Federal..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Patricia Chaves Gentil - Integrante.Número de orientações: 1
2004 - 2006
Alfabetização de jovens e adultos em assentamentos rurais: Componente Segurança Alimentar e Nutricional
Descrição: A ASBRAN é uma entidade Técnica ? Científica que congrega nutricionistas, estudantes de nutrição, técnicos em nutrição e outros profissionais afins. Tem como base de atuação cerca de 80 mil pessoas, apenas entre os nutricionistas, técnicos e estudantes de nutrição. Possui atualmente 12 entidades estaduais filiadas. Desde 1949 quando foi criada, a ASBRAN preocupa-se em discutir os males que assolam o país no tocante à alimentação e nutrição, em especial a fome e as suas repercussões no indivíduo humano. Ao longo dos anos, historiadores e cientistas descreveram o desenvolvimento das comunidades, assinalando a preocupação com a alimentação, disponibilidade de água e condições climáticas como fatores básicos para sobrevivência do homem. A fome é um demolidor da dignidade humana. No planeta Terra suas vítimas são os mais pobres, os sem terra, os que possuem pouca terra, crianças, gestantes, nutrizes e idosos. No Brasil um grande contigente populacional tem fome não somente como um estado biológico de doença, mas como um problema causado pela ingestão inadequada tanto do ponto de vista quantitativo como qualitativo de alimentos. Na população rural esta situação é mais grave devido a ausência e inacessibilidade de serviços básicos, tais como a saúde, educação e assistência social. A ausência de acesso à instrução ocasionada pela busca da sobrevivência através do trabalho infantil, é um dos principais fatores que potencializam ainda mais a exclusão social. O analfabetismo distancia estes grupos populacionais de sua dignidade social de praticar escolhas de sua própria vida. A Associação Brasileira de Nutrição(ASBRAN) vêm trabalhando desde 2002 com assentamentos rurais no Centro-Oeste a partir da premissa conceitual do empowerment com enfoque na alfabetização de adultos visando fortalecer indivíduos e comunidades para a obtenção do controle sobre suas vidas. A decisão de optar por esta estratégia foi determinada pelo fato dos assentados declararem que o analfabetismo era um dos principais fatores da fome. Segundo depoimentos de homens e mulheres líderes de assentamentos rurais na região centro-oeste, decisões, como a melhor utilização da terra, seleção de equipamentos e acesso a conhecimentos agronômicos adequados baseados nas opções oferecidas pelo mundo atualmente, tem sido prejudicada pelo analfabetismo que está presente em cerca de 70% dos adultos. A população alvo deste projeto está localizada no município de Padre Bernardo no Estado de Goiás, distribuída em 07 assentamentos rurais, localizados em áreas inóspitas, sem saneamento básico, abastecimento de água potável, com transporte difícil, que interfere no acesso de crianças e adolescentes ao ensino fundamental e básico.Em função disto, a ASBRAN através da Fundação Oswaldo Cruz e de sua Diretoria Regional em Brasília, instituição de ciência e tecnologia do Ministério da Saúde, baseados no conceito de segurança alimentar estabelecido na I Conferência Nacional de Segurança Alimentar propõe ao Ministério de Ciência e Tecnologia foi contemplada através do Edital MCT/MESA/CNPq/CT Agronegócio 01/2003 para a realização deste projeto. Seus pressupostos estão baseados no aumento do poder individual e coletivo de indivíduos visando fortalecer as relações interpessoais e institucionais para a superação das relações de opressão e dominação social e visa associar formas alternativas de se trabalhar as realidades sociais com suporte mútuo, formas de democracia participativa e movimentos sociais autônomos. Assim, o projeto atuará em três componentes: alfabetização de adultos; promoção da saúde com ênfase na alimentação e nutrição e cooperativismo buscando a autonomia individual e coletiva apoiando a comunidade para o exercício de cidadania de forma libertária e digna..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - Atual
Situação de Segurança Alimentar em Populações Remanescentes de Quilombos
Descrição: Os quilombos são núcleos populacionais que se ante a negação à condição de escravidão, constituíram formas particulares de organização social e ocuparam espaços geográficos estratégicos. Estas comunidades geralmente se localizam em áreas rurais, apresentam um relativo grau de isolamento e vivem desigualdades sociais e de saúde. Estas desigualdades sócio-econômicas, bem como o acesso diferenciado aos bens e serviços públicos, constituem fatores condicionantes da situação de insegurança alimentar. O governo vem desenvolvendo algumas ações na perspectiva de desenvolver formas transparentes de utilização dos recursos disponíveis e melhorar às condições de vida das populações amazônicas, um exemplo disso é a abertura da BR-163, onde teriam a possibilidade de abrir novas fronteiras de mercados. Segundo a II Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (2004), o conceito de Segurança e soberania alimentar, nos leva a compreensão de que múltiplas funções associadas à atividade agrícola e ao mundo rural vão além do aspecto produtivo e mercantil, e que dizem respeito à ocupação social do espaço geográfico, ao patrimônio natural e à herança cultural. Dentre estas funções destacam-se a: valorização das dimensões sociais, ambientais e culturais da produção própria de alimentos; ampliação do acesso da população a alimentos de qualidade, de modo coordenado com o apoio às formas eqüitativas e sustentáveis de produção agroalimentar e o estimulo a diversidade de hábitos alimentares paralelamente à promoção de práticas alimentares saudáveis..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (40) / Especialização: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Ana Felisa Hurtado Guerrero - Integrante / Luciano Medeiros de Toledo - Integrante / Camilo Hurtado Guerrero - Integrante / Andreia Santos Carvalho - Integrante.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 1
2002 - 2004
Analise das Condicionalidades de Saúde do Programa Bolsa Familia
Descrição: O objetivo do presente trabalho encontra-se focado nos programas de transferência de renda do governo federal brasileiro, especificamente do Programa Bolsa Família. Buscamos fazer uma compreensão da evolução histórica dos programas na área de alimentação e nutrição, apontamos algumas fragilidades de implementação do Bolsa Família e ao final pretendemos poder propor ações que melhorem os aspectos relativos ao conceito e prática da alimentação saudável junto aos seus beneficiários . O Bolsa Família promove, em tese, a inclusão social dos beneficiários porque o cumprimento das condicionalidades impostas, citadas a seguir, permite a inserção em uma rede de proteção social (sistema de saúde, educação, etc.), bem como possibilita a liberdade de escolha na aquisição dos alimentos por parte dos beneficiários. Indubitavelmente houve um avanço com esta medida de transferência de renda direta que, para além de outras características, permite respeitar a individualidade das escolhas alimentares, as regionalidades e pressupõe o desenvolvimento de mercado nas regiões mais pobres do país . As condicionalidades impostas aos beneficiários, da área da saúde, vêm a ser o cumprimento por parte dos beneficiários de uma agenda de compromissos: I - gestantes e nutrizes devem inscrever-se no pré-natal e comparecer às consultas na unidade de saúde adstrita à sua residência e participar das atividades educativas ofertadas pelas equipes de saúde; II ? Os responsáveis pelas crianças menores de 7 (sete) anos devem levá-las à unidade de saúde ou ao local de vacinação, mantendo em dia o calendário de imunização conforme preconizado pelo Ministério da Saúde, bem como acompanhar nestas unidades, por meio do cartão de saúde da criança, o estado nutricional e o desenvolvimento e participar de outras ações de saúde . No tocante às condicionalidades, temos observado uma dificuldade dos beneficiários em cumprirem com esta agenda de compromissos que foi estipulada como contrapartida para a inclusão e permanência no programa. Esta observação foi constada por meio das irregularidades apontadas em denúncias na imprensa, bem como de solicitações de acompanhamento ao Programa feitas através de denúncias ao Ministério da Saúde, órgão onde a autora trabalha. Além disto, há uma aparente dificuldade do governo federal em implantar e acompanhar os mecanismos de monitoramento do Programa dentro do território nacional. O referido sistema encontra-se dentro do sistema de vigilância alimentar e nutricional/SISVAN que prevê o acompanhamento do cumprimento das condicionalidades para os beneficiários do Bolsa Família. Em tese o não cumprimento das condicionalidades implicaria na exclusão de participação do programa. A insuficiência da rede básica de saúde em muitos rincões do país não permite a integralidade do desenvolvimento das ações de responsabilidade do Estado, como por exemplo: a realização de consultas de pré-natal, o acompanhamento do desenvolvimento infantil, as ações educativas em saúde, dentre outras. Estas observações foram constatadas pelo exercício profissional dentro do Departamento Nacional de Auditoria do SUS do Ministério da Saúde e de todos os anos de atividade dentro do Sistema Único de Saúde. No Programa, as ações de responsabilidade da União, estados, municípios e o Distrito Federal devem, além de informar e orientar as famílias sobre seus direitos e responsabilidades dentro do mesmo, informar sobre a importância de freqüentar os serviços de saúde para a melhoria das condições de saúde e nutrição de seus membros; devem ofertar os serviços para os referidos acompanhamentos (crescimento e desenvolvimento infantil), da assistência pré-natal e ao puerpério, da vacinação, da vigilância alimentar e nutricional e a assistência aos beneficiários por parte das equipes de saúde da família, ou por agentes comunitários de saúde ou por unidades básicas de saúde..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Valéria Fonseca de Paiva - Integrante.Número de orientações: 1
2001 - Atual
Promoção a Alimentação Saudável no Distrito Federal e Brasil
Descrição: trata-se da realização de projetos de pesquisa desde 2000 sobre conhecimentos, atitudes de práticas de profissionais de saúde, professores de escolas de ensino fundamental e médio do Distrito Federal e de populações específicas no Brasil.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (70) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (3) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Simone Armond Serrão - Integrante / Denise Barros Cavalcante - Integrante / Elisabetta G. Iole Giovanna Recine - Integrante / Patricia Chaves Gentil - Integrante / Ana Paula Fonseca Cavalcante - Integrante / Janice Ramos de Souza - Integrante / Maria do Carmo Freitas - Integrante / Ell, Erika - Integrante / Brenda Valéria Almeida Contra - Integrante / Kathleen Sousa Oliveira - Integrante / Vanessa Conceição Rocha Araujo de Menezes - Integrante / Alessandra Page Brito - Integrante / Fábio Libório Rocha - Integrante / Daniela Sanches Frozi - Integrante / Caio Capela - Integrante.
Número de produções C, T & A: 29 / Número de orientações: 9
1996 - 1999
Estudo Multicentrico de Consumo Alimentar em 05 capitais brasileiras
Descrição: Traya-se da realização da coordenação nacional do estudo multicentrico de consumo alimentar realizado em 02 capitais brasileiras pelo extinto Instituto Nacional de Alimentação e Nutrição.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1987 - 1995
Vigilância Alimentar e Nutricional de Manguinhos
Descrição: Análise epidemiológica e social da situação alimentar e nutricional da população favelada de Manguinhos no Rio de Janeiro.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (80) / Especialização: (20) / Mestrado acadêmico: (4) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Inês Rugani Ribeiro de Castro - Integrante / Luiz Antonio dos Anjos - Integrante / Simone Armond Serrão - Integrante / Antonio Sergio de Almeida - Integrante / Miguel Archanjo Souza Aguiar Netto - Integrante / Esther Lemos Zaborowisck - Integrante / Claudia Valeria Cardim Rodirigues da Silva - Integrante / Maria Auxiliadora Gomes da Silva - Integrante / Sonia Maria Bittencourt - Integrante / Denise Cavalcante Barros - Integrante.
Número de produções C, T & A: 22 / Número de orientações: 4


Projetos de extensão


2007 - 2014
Pos Graduação em Politicas Públicas de Alimentação e Nutrição
Descrição: Trata-se da realização de cursos de lato sensu no campo das politicas publicas de alimentação e nutrição realizados de forma presencial e a distância.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (90) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Denise Barros Cavalcante - Integrante.
Número de produções C, T & A: 3
2004 - Atual
Pos-Graduação em Lato Sensu em Alimentação e Cultura
Descrição: Trata-se de projeto de formação de profissionais e docentes da área de nutrição e ciências sociais em alimentação e cultura..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (90) / Especialização: (40) / Mestrado acadêmico: (50) / Mestrado profissional: (20) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Denise Barros Cavalcante - Integrante / Maria do Carmo Freitas - Integrante / Marta Maria Antonieta de Souza Santos - Integrante / Mirian Ribeiro Baião - Integrante.
1992 - Atual
Pos Graduação em Planejamento Participativo e Abrangente
Descrição: Trata-se da realização de cursos de lato e stricto sensu realizados para a implementação da Abordagem de Planejamento Participativo e Abrangente proposta pelo Instituto de Medicina Tropical da Antuérpia , Bélgica para o desenvolvimento de projetos de alimentação e nutrição.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (90) / Especialização: (90) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 6
1987 - 2004
Pos-Graduação em lato sensu em Vigilância Alimentar e Nutricional
Descrição: Curso de pós-graduação para formação de profissionais de saúde e áreas correlatas para a implementação do sistema de vigilância alimentar e nutricional no Brasil.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (90) / Especialização: (90) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Malaquias Batista Filho - Integrante / Esther Lemos Zaborowisck - Integrante / Denise Barros Cavalcante - Integrante.
Número de produções C, T & A: 9


Projetos de desenvolvimento


2017 - Atual
CURSO LIVRE EM GOVERNANÇA EM SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL INSTUCIONALIDADE DAS POLITICAS PÚBLICAS EM MOÇAMBIQUE
Descrição: O curso visa ao egresso estar apto a dialogar sobre os principais aspectos conceituais e estratégicos da Segurança Alimentar e Nutricional para a implementação do o Plano de Ação Multissetorial para a Redução da Desnutrição Crônica em Moçambique (PAMRDC).Os objetivos Geral: Apresentar os principais conceitos de Segurança Alimentar e Nutricional para apoiar a implementação do o Plano de Ação Multissetorial para a Redução da Desnutrição Crônica em Moçambique (PAMRDC). E os especificos de : Discutir as interlocuções de SAN e Direito Humano à Alimentação Adequada frente às políticas existentes; Dialogar sobre os determinantes e as causalidades de SAN/INSAN para o planejamento participativo e abrangente; Analisar os determinantes da desnutrição infantil; Alcançar um entendimento comum sobre a SAN.; Identificar e analisar as estratégias de gestão e governança da segunda Estratégia de Segurança Alimentar e Nutricional e os possíveis indicadores para monitoramento e avaliação. Será ofertado para técnicos de nível superior e médio envolvidos com o planejamento, gestão e execução do Plano de Ação Multissetorial para a Redução da Desnutrição Crônica em Moçambique (PAMRDC),.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (20) Graduação: (70) / Especialização: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Maria Fabiana Damásio Passos Esteves - Integrante / Ana Maria Segall Correa - Integrante / Maria de Fatima Carvalho - Integrante.Financiador(es): Secretariado Técnico de Segurança Alimentar e Nutricional - Cooperação.
2015 - Atual
Prospeção de projetos de implementação de Politicas e Programas de Segurança Alimentar e Nutricional
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (20) Graduação: (3) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Maria Fabiana Damásio Passos Esteves - Integrante / Ana Maria Segall Correa - Integrante / Maria de Fatima Carvalho - Integrante.
2015 - Atual
Cooperação Internacional Brasileira com Observatorios de Hábitos Alimentares
Descrição: Trata-se do desenvolvimento de projeto de cooperação e fortalecimento internacional entre o Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares com observatórios na temática de alimentação e nutrição na América Latina com apoio de outros observatporios nesta temática na Europa. Seu escopo de atuação visa disseminar conhecimentos sobre a importância da compreensão ampla da dimensão das escolhas alimentares envolta em vários significados entrelaçados aos aspectos sociais, religiosos e econômicos do cotidiano. Para isto ao projeto visa apoiar o desenvolvimento de linhas de investigação metodológica e estratégica e a organização de eventos científicos, de formação e informação para a expansão de parcerias estratégicas com países desenvolvidos e em desenvolvimento. Seus objetivos visam: (a) fortalecer e expandir as parcerias internacionais do Observatório Brasileiro de Hábitos Alimentares;(b) apoiar a criação de Revista Eletronica Latino Americana de Alimentação, Saúde e Cultura;(c) realizar ações e eventos de informação e comunicação científica; (c) estimular o interesse de pesquisadores e docentes brasileiros e latino-americanos que em visitas e estágios científicos e de capacitação e formação no Brasil e outros países..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
2009 - Atual
Revista de Alimentação e Cultura das Américas
Descrição: Trata-se do desenvolvimento de uma revista cientifica no âmbito transdisciplinar da alimentação e cultura humana..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
2009 - Atual
Observatório Brasileiro de Hábitos Alimentares
Descrição: Trata-se do desenvolvimento do Obsevatório Brasileiro de Hábitos Alimentares na Diretoria Regional de Brasilia em parceira com a Universidade de Brasilia.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
2005 - 2008
Concepção do Desenho Metodológico e Operacional do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional em Distritos Sanitários Indígenas
Descrição: O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN) é um conjunto de ações de levantamento e tratamento de dados organizado de forma a subsidiar respostas governamentais à problemas de nutrição em populações. Embora concebido desde os anos 70 para os países da América Latina, só agora vem assumindo identidade própria no Brasil, caminhando junto aos vários níveis governamentais e habilitando-se a atuar no combate aos principais distúrbios nutricionais. O SISVAN desenvolvido de forma articulada no nível local, municipal, estadual e nacional permite a geração de informações que podem subsidiar a formulação de políticas e programas públicos, além de propiciar intervenção adequada a população (Engstron, 1998). O objetivo de implantação do SISVAN é, através do levantamento e da organização de informações, monitorar o estado nutricional da população produzindo dados sistematizados para: (1) detectar e assistir adequadamente os indivíduos sob risco nutricional; (2) traçar o perfil nutricional da população;(3) promover saúde, alimentação e nutrição adequada para todos;(4) organizar a assistência; (5)propor programas, políticas e ações para os grupos de risco e para a população em geral; (6) avaliar os resultados dessas proposições. A II Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (2004), aponta como uma das diretrizes prioritárias a serem adotadas na elaboração da Política de Segurança Alimentar e Nutricional, a de fortalecer o Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN) no setor saúde e garantir a Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) para população indígena, em consonância com a Política Nacional de Alimentação e Nutrição (1999). Na agenda das políticas públicas, a capacitação dos profissionais de saúde tem sido destacada como prioridade para a implantação do SISVAN e para a promoção das ações de SAN. Em consonância com essas políticas a proposta de implantação da vigilância alimentar e nutricional (VAN) na população indígena terá como estratégia catalisadora a capacitação de profissionais de saúde e agentes comunitários indígenas no componente alimentação e nutrição voltada para atenção básica e vigilância em saúde. Este projeto tem como característica apoiar a implantação do SISVAN em Distritos Sanitários Indígenas através da concepção do sistema e da formação dos recursos humanos. Seu elo fundamental é a integração da implementação do sistema com a formação de recursos humanos através do Curso de Vigilância Alimentar e Nutricional para Saúde Indígena. O curso faz parte do programa de Educação a Distância na ENSP/Fiocruz, um programa estratégico de formação de recursos humanos em saúde, dirigido a profissionais e instituições envolvidas na gestão de sistemas e serviços de saúde, tanto no nível dos governos, quanto no de instituições privadas. Ele vem oferecendo oportunidades de formação e qualificação de alto nível à profissionais em serviço, de forma integrada ao processo de trabalho, visando colaborar para a construção e consolidação do Sistema Único de Saúde, com mais eficácia, eficiência e equidade. Os objetivos do projeto são: (a) ? Realizar, com subsídios da área técnica da Funasa, a concepção do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional, definindo a metodologia de ação, os formulários de coleta de informações e as ações de acompanhamento e avaliação que, em conjunto, permitirão a alimentação e a sistematização de informações sobre o estado alimentar e nutricional das populações indígenas; (b) ? Construir e oferecer um curso de vigilância alimentar e nutricional para a saúde indígena na modalidade à distância, que capacitará a mão-de-obra existente na Funasa para a realização de todas as tarefas locais necessárias ao funcionamento do SISVAN. A implementação do sistemas será nos Distritos Sanitários Indígenas, concebido com base nas recomendações do Ministério da Saúde..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (4) Graduação: (0) / Especialização: (90) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Aline Diniz Rodrigues Caldas - Integrante / Denise Cavalcante Barros - Integrante.
2005 - Atual
Rede Interinstitucional de Alimentação e Cultura
Descrição: Desenvolvimento de rede de pesquisadores nacionais e internacionais de alimentação e cultura.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
2004 - Atual
Brincando de Comer com a Fiocruz
Descrição: Criação de metodologia baseada na realização de atividades educativas para ser desenvolvida em feiras de saúde ou de ciência como também nas escolas ou em eventos da área de saúde. É desenvolvida por meio da montagem de um selfservice com bandejas com alimentos de resina expostos para que as crianças passem ao redor e fizessem seu prato conforme o seu hábito alimentar junto ao monitor que conduziria a roda de conversa sobre os alimentos escolhidos por todas as crianças sentadas na roda. Num segundo momento, após a escolha alimentar os monitores nutricionistas e/ou alunos de nutrição, dialogariam com as crianças sobre seu prato montado durante aproximadamente 30minutos..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) Graduação: (90) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Simone Armond Serrão - Integrante / Ana Paula Fonseca Cavalcante - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1
1996 - 1997
Videos educativos para implementação do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional no Brasil
Descrição: Desenvolvimento de dois spots de video para o treinamento de profissionais de saúde para a implantação do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional no Brasil.
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (0) Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Simone Armond Serrão - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1
1996 - Atual
Implementação da Abordagem de Planejamento Participativo e Abrangente no Brasil
Descrição: Implementação da proposta de Abordagem de Planejamento Participativo e Abrangente desenvolvida pelo Professor Ivan Beghin do Instituto de Medicina Tropical da Antuerpia, Bélgica.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (10) Graduação: (14) / Especialização: (90) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Simone Armond Serrão - Integrante / Malaquias Batista Filho - Integrante / Patricia Chaves Gentil - Integrante / Janete Romeiro - Integrante / Cassia Pereira - Integrante / Sandra Maria Chaves dos Santos - Integrante / Ell, Erika - Integrante / Denise Cavalcante Barros - Integrante.
Número de produções C, T & A: 2
1987 - 1995
Metodologia de utilização da campanha nacional de vacinação para realizar o Dia de Vigilância Alimentar e Nutricional
Descrição: Desenvolvimento de metodologia de cunho epidemiológico e social para a coleta de dados antropométricos de crianças menores de 05 vacinadas na Campanha Nacional de Vacinação do Brasil..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (5) Graduação: (90) / Especialização: (30) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Malaquias Batista Filho - Integrante / Esther Lemos Zaborowisck - Integrante.
Número de produções C, T & A: 3
1987 - 1994
Interconsulta para crianças desnutridas
Descrição: Metodologia de cuidado com crianças com desnutrição que associa num único atendimento a participação de um profissional pediatra e nutricionista..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (2) Graduação: (90) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Esther Lemos Zaborowisck - Integrante.
Número de produções C, T & A: 6


Outros Projetos


2012 - Atual
Cooperação internacional com o Instituto de Medicina Tropical da Antuerpia
Descrição: Trata-se do desenvolvimento de material técnico e da formação aplicada para a Abordagem de Planejamento Participativo e Abrangente para o Brasil e países que integram a Comunidade de Países de Lingua Portuguesa.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (99) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador.
2012 - Atual
Cooperação Internacional com a Ecole des Hautes Etudes en Science Sociales de Paris
Descrição: Trata-se do desenvolvimento de atividades cientificas em academicas com pesquisadores do Instiuto Edgar Morin de Paris..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 3
2010 - Atual
Cooperação Internacional com o Observatorio de Alimentação da Universidade de Barcelona
Descrição: Trata-se do desenvolvimento de atividades técnico-cientificas relacionadas a pesquisas de cooperação internacional no campo da antropologia da alimentação e intercambio de pesquisadores entre a Fiocruz-Brasilia e a Universidade de Barcelona.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (5) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador.
1996 - 2012
Cooperação internacional com o Instituto de Medicina Tropical da Antuérpia
Descrição: Trata-se do desenvolvimento de ações técnicas de formação aplicada relacionada a metodologia de Abordagem de Planejamento Participativo e Abrangente.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (50) / Especialização: (99) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 10
1992 - 1995
Cooperação Internacional com o Instituto de Medicina Tropical da Antuerpia
Descrição: Trata-se do desenvolvimento de atividades técnicas e academicas relacionadas a formação aplicada da metodologia de Planejamento Participativo e Abrangente..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (50) / Especialização: (99) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 1
1987 - 1995
Implantação do SISVAN em Manguinhos, Rio de Janeiro
Descrição: Desenvolvimento do sistema de vigilância alimentar e nutricional em áreas faveladas do bairro Manguinhos, Rio de Janeiro.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (90) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Malaquias Batista Filho - Integrante / Esther Lemos Zaborowisck - Integrante.
Número de produções C, T & A: 4
1987 - 1989
Centro de Reabilitação de Crianças Desnutridas
Descrição: Trata-se da coordenação de ações clinicas, laboratoriais e dietéticas para a recuperação de crianças desnutridas no Centro de Saúde Germano Sinval Faria da Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz no Rio de Janeiro. Neste projeto foram atendidas e recuperadas crianças com desnutrição grave por meio de semi- internato..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Denise Oliveira - Integrante / Denise Oliveira e Silva - Coordenador / Esther Lemos Zaborowisck - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1


Membro de comitê de assessoramento


2006 - Atual
Agência de fomento: (MS)Ministério da Saúde


Revisor de periódico


2005 - Atual
Periódico: Saúde e Sociedade
2004 - Atual
Periódico: Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ)
2000 - Atual
Periódico: Revista de Nutrição da PUCCAMP


Revisor de projeto de fomento


2012 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais
2007 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia Nutricional.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Políticas de Alimentação e Nutrição.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição.
4.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.
5.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Nutrição / Subárea: Análise Nutricional de População.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2012
Pos doutora em Antropologia da Alimentação, Ecole des Hautes Etudes en Science Sociales.
2001
Doutora em Ciências da Saúde, Universidade de Brasília.
1995
Mestre em Ciências da Saúde Pública, Fundação Oswaldo Cruz.
1991
Mestre em Ciências da Alimentação e Nutrição, Universidade de Gent- Bélgica.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
1SILVA, DENISE OLIVEIRA E2018SILVA, DENISE OLIVEIRA E ; CABRINI, D. . Trajetórias biográficas do aumento e excesso de peso de mulheres do Programa Bolsa Família, Brasil.. COMUNICAÇÃO EM CIÊNCIAS DA SAÚDE (IMPRESSO), v. 28, p. 216-225, 2018.

2.
2JAIME, P. C.2018JAIME, P. C. ; DELMUE, D. C. C. ; CAMPELLO, T. ; SILVA, DENISE OLIVEIRA E ; SANTOS, L. M. P. . Um olhar sobre a agenda de alimentação e nutrição nos trinta anos do Sistema Único de Saúde. Ciência & Saúde Coletiva, v. 23, p. 1829-1836, 2018.

3.
3SANTIAGO, RAYRA P.2017SANTIAGO, RAYRA P. ; OLIVEIRA, RODRIGO M. ; SOARES, LEONARDO F. ; FIGUEIREDO, CAMYLLA V. B. ; SILVA, DENISE OLIVEIRA ; HURTADO-GUERRERO, ANA F. ; FIUZA, LUCIANA M. ; GUARDA, CAROLINE C. ; ADORNO, ELISÂNGELA V. ; BARBOSA, CYNARA G. ; GONÇALVES, MARILDA S. . Hemoglobin Variant Profiles among Brazilian Quilombola Communities. HEMOGLOBIN, v. 41, p. 83-88, 2017.

4.
5SILVA, DENISE OLIVEIRA E2016SILVA, DENISE OLIVEIRA E ; Ell, Erika ; FROZI, D. S. ; CAPELA, C. . Os hábitos alimentares culturais e a pobreza como barreiras à promoção da alimentação saudável em centros de saúde de atenção básica do DF/Brasil. Comunicação em Ciências da Saúde, v. 27, p. 105-118, 2016.

5.
7PEREIRA, C.2015PEREIRA, C. ; SILVA, D. O. ; TUESTA, A. J. A. . Fomento a pesquisa em alimentação e nutrição pelo Ministerio da Saúde no Brasil. Tempus: Actas de Saúde Coletiva, v. 9, p. 35-44, 2015.

6.
4LIMA, M. R. P.2015LIMA, M. R. P. ; PONTES, L. A. ; SILVA, D. O. . Condicionalidades de Saúde no Programa Bolsa Familia: reflexões a partir de um centro municipal do Rio de Janeiro. Tempus: Actas de Saúde Coletiva, v. 9, p. 71-92, 2015.

7.
6LIMA, M. R. P.2015LIMA, M. R. P. ; SILVA, D. O. ; PONTES, L. A. . O dinheiro e a comida na metropole: escolhas alimentares entre beneficiarias do Programa Bolsa Familia no Rio de Janeiro. Sociedade e Cultura (Online), v. 18, p. 65, 2015.

8.
9CARVALHO, ANDRÉIA SANTOS2014CARVALHO, ANDRÉIA SANTOS ; OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Perspectivas de segurança alimentar e nutricional no Quilombo de Tijuaçu, Brasil: a produção da agricultura familiar para a alimentação escolar. Interface (Botucatu. Online), v. 00, p. 00-00, 2014.

9.
8OLIVEIRA, KATHLEEN SOUSA2014OLIVEIRA, KATHLEEN SOUSA ; SILVA, DENISE OLIVEIRA E ; SOUZA, WAYNER VIEIRA DE . Barreiras percebidas por médicos do Distrito Federal para a promoção da alimentação saudável. Cadernos Saúde Coletiva (UFRJ), v. 22, p. 260-265, 2014.

10.
10Ell, Erika2012Ell, Erika ; SILVA, D. O. . Concepções de agricultores ecológicos do Paraná sobre alimentação saudável. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 46, p. 218-225, 2012.

11.
11SILVA, D. O.;OLIVEIRA E SILVA, DENISE;SILVA, DENISE OLIVEIRA E;SILVA, DENISE OLIVEIRA2008SILVA, D. O.; GUERRERO, A. F. H. ; TOLEDO, L. M. . A rede de causalidade da insegurança alimentar e nutricional de comunidades quilombolas com a construção da rodovia BR163, Pará, Brasi. Revista de Nutrição da PUCCAMP (Cessou em 1997. Cont. ISSN 1415-5273 Revista de Nutrição (Impresso)), v. 21, p. 83-98, 2008.

12.
12MARTINS, P. F.2008MARTINS, P. F. ; SILVA, D. O. . Descrição das noções conceituais sobre grupo de alimentos por professores de 1a a 4a série: a necessidade de atualização. Ciência e Educação (UNESP. Impresso), v. 14, p. 451-466, 2008.

13.
13GUERRERO, A. F. H.2007GUERRERO, A. F. H. ; SILVA, D. O. ; TOLEDO, L. M. ; HURTADO-GUERRERO, C. . Mortalidade Infantil em remanescentes de quilombos do municipio de Santarém-Pará. Saúde e Sociedade (USP. Impresso), v. v.16, p. 103-110, 2007.

14.
14SILVA, D. O.;OLIVEIRA E SILVA, DENISE;SILVA, DENISE OLIVEIRA E;SILVA, DENISE OLIVEIRA2002SILVA, D. O.; RECINE, E. G. I. G. ; QUEIROZ, E. F. O. . Concepções de profissionais de saúde da atenção básica sobre a alimentação saudável no Distrito Federal, Brasil. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ), Rio de Janeiro, v. 18, p. 1367-1377, 2002.

15.
15BATISTA FILHO, M.1992BATISTA FILHO, M. ; SILVA, D. O. ; OLIVEIRA, H. . Desnutrição em Crianças de Áreas Faveladas: Manguinhos, Rio de Janeiro. Cadernos Saúde Pública, Rio de Janeiro, v. 8, n.1, p. 69-76, 1992.

16.
16SILVA, D. O.;OLIVEIRA E SILVA, DENISE;SILVA, DENISE OLIVEIRA E;SILVA, DENISE OLIVEIRA1992 SILVA, D. O.; ANJOS, L. A. ; SERRAO, S. A. . Vigilância Nutricional de Adultos: Experiênci de uma Unidade de Saúde Atendendo População Favelada. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), Rio de Janeiro, v. 8, n.8, p. 50-56, 1992.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
Freitas, MC (Org.) ; SILVA, D. O. (Org.) . Narrativas sobre o comer no mundo da vida. 1. ed. Salvador: Editora da Universidade Federal da Bahia, 2014. v. 1. 321p .

2.
CAVALCANTE, D. B. (Org.) ; SILVA, D. O. (Org.) ; SANTOS, M. M. A. S. (Org.) ; BAIAO, M. R. (Org.) . Alimentação e nutrição: contexto político, determinantes e informação em saúde.. 01. ed. Rio de Janeiro: Editora/Fiocruz, 2013. v. 01. 282p .

3.
CAVALCANTE, D. B. (Org.) ; SILVA, D. O. (Org.) ; SANTOS, M. M. A. S. (Org.) ; BAIAO, M. R. (Org.) . Alimentação e nutrição: fundamentos para a prática em saúde coletiva. 01. ed. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2013. v. 01. 263p .

4.
CAVALCANTE, D. B. (Org.) ; SILVA, D. O. (Org.) . Vigilância Almentar e Nutricional para a Saúde Indígena. 01. ed. Rio de Janeiro: FIOCRUZ, 2008. v. 01. 260p .

5.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. ; GUGELMIN, S. A. . Vigilância Alimentar e Nutricional para a Saúde Indígena. 01. ed. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2008. v. 01. 256p .

6.
SILVA, D. O.; ENGSTROM, E. M. ; ZABOROWISCK, E. L. . Sisvan:instrumento para o combate aos distúrbios nutricionais na Atenção á saúde- O diagnóstico Coletivo. 3ª. ed. Rio de Janeiro: Centro Colaborador de Alimentação e Nutrição-Região Sudeste, 2002. v. 01. 187p .

7.
SILVA, D. O.; ENGSTROM, E. M. ; ZABOROWISCK, E. L. ; CAVALCANTE, D. B. ; MONTEIRO, K. A. . SISVAN: Instrumento para o Combate aos Disturbios Nutricionais em Serviços de Saúde: O Diagnóstico Nutricional. 1. ed. Rio de Janeiro: Escola Nacional de Saúde Pública- Fundação Oswaldo Cruz, 1998. v. 1. 104p .

8.
SILVA, D. O.; CASTRO, I. R. R. ; BATISTA FILHO, M. ; SILVA, C. V. C. R. ; SILVA, M. A. G. ; GUGELMIN, S. A. ; BITTENCOURT, S. M. . O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional da Rede de Saúde - Manual para Implantação.. 1. ed. Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz - Escola Nacional de Saúde Pública, 1993. v. 1. 73p .

Capítulos de livros publicados
1.
SILVA, D. O. ; Freitas, MC ; SOUZA, J. R. . Significados e representações do conceito de comida na perspectiva da promoção a alimentação saudável. In: Freitas, MC; Silva, DO. (Org.). Narrativas sobre o comer no mundo da vida. 1ed.Salvador: Editora da Universidade Federal da Bahia, 2014, v. 1, p. 79-94.

2.
SILVA, D. O. ; CAVALCANTE, D. B. ; PEREIRA, C. . Experiência Interinstitucional da Rede de Alimentação e Cultura: concepções sobre o comer bem no Brasil. In: Freitas, MC; Silva, DO. (Org.). Narrativas sobre o comer no mundo da vida. 1ed.Salvador: Editora da Universidade Federal da Bahia, 2014, v. 1, p. 95-106.

3.
SILVA, D. O. . As diversas dimensões das escolhas alimentares individuais e coletivas e o marco de referencia de educação alimentar e nutricional para o Programa Bolsa Família. In: Ana Paula Abreu Fialho; Gustavo Figueiredo. (Org.). Educação Alimentar e Nutricional no Programa Bolsa Família- Caderno do Aluno. 1ed.Rio de Janeiro: EAD/ENSP, 2014, v. 1, p. 60-85.

4.
CARVALHO, A. S. ; OLIVEIRA E SILVA, DENISE . O Programa Nacional de Alimentação Escolar como Instrumento de Ressignificação da Produção de Alimentos no Quiilombo Tijuaçú. In: Idê Gomes Dantas Gurgel; Kátia Rejane de Medeiros; Antonio Augusto Vieira de Aragão. (Org.). Gestão em Saúde Pública: estudos de avaliação. 1ed.Recife: Universidade Federal de Pernambuco, 2014, v. 3, p. 123-142.

5.
CARVALHO, A. S. ; OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Diabetes tipo 2: A experiência da doença de usuários de uma unidade básica de saúde da família. In: Idê Gomes Dantas Gurgel; Kátia Rejane de Medeiros; Antonio Augusto Vieira de Aragão. (Org.). Gestão em Saúde Pública: contribuições para a política. 1ed.Recife: Universidade Federal de Pernambuco, 2014, v. 2, p. 103-118.

6.
OLIVEIRA, KATHLEEN SOUSA ; OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Barreiras para a promoção da alimentação saudável enfrentadas pelos profissionais de saúde do Distrito Fedral. In: Idê Gomes Dantas Gurgel; Kátia Rejane de Medeiros; Antonio Augusto Vieira de Aragão. (Org.). Gestão em Saúde Pública: contribuições para a política. 1ed.Recife: Universidade Federal de Pernambuco, 2014, v. 1, p. 119-138.

7.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. ; BAGNI, U. V. . Diagnóstico nutricional coletivo-bases conceituais e caminhos metodológicos. In: Denise Cavalcante de Barros; Denise Oliveira e Silva; Marta Maria Antonieta de Souza Santos; Miriam Ribeiro Baião. (Org.). Alimentação e nutrição: fundamentos para a prática em saúde coletiva. 01ed.Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2013, v. 01, p. 11-264.

8.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. ; BAGNI, U. V. ; VEGGI, A. . O diagnóstico nutricional na Atenção Básica. In: Denise Cavalcante de Barros; Denise Oliveira e Silva; Marta Maria Antonieta de Souza Santos; Miriam Ribeiro Baião. (Org.). Alimentação e nutrição: fundamentos para a prática em saúde coletiva. 01ed.Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2013, v. 01, p. 127-130.

9.
GAMA, S. G. N. ; SILVA, D. O. . O diagnóstico nutricional coletivo: transformando dados individuais em informação epidemiológica. In: Denise Cavalcante de Barros; Denise Oliveira e Silva; Marta Maria Antonieta de Souza Santos; Miriam Ribeiro Baião. (Org.). Alimentação e nutrição: fundamentos para a prática em saúde coletiva. 01ed.Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2013, v. 01, p. 223-241.

10.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. ; BAGNI, U. V. . A divulgação de informações no campo da alimentação e nutrição. In: Denise Cavalcante de Barros; Denise Oliveira e Silva; Marta Maria Antonieta de Souza Santos; Miriam Ribeiro Baião. (Org.). Alimentação e nutrição: fundamentos para a prática em saúde coletiva. 01ed.Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2013, v. 01, p. 243-263.

11.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. ; GUGELMIN, S. A. . Sistemas de informação e a vigilância alimentar e nutricional no Brasil. In: Denise Cavalcante de Barros; Denise Oliveira e Silva; Marta Maria Antonieta de Souza Santos; Miriam Ribeiro Baião. (Org.). Alimentação e nutrição: contexto político, determinantes e informação em saúde.. 01ed.Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2013, v. 01, p. 261-282.

12.
SILVA, D. O.. Reflexões conceituais e de profissionais de saúde sobre a promoção de alimentação saudável. In: Diez-Garcia,R.W. e Cervato-Mancuso, A.M.. (Org.). Mudanças Alimentares e educação nutricional. 01ed.Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2011, v. 01, p. 164-171.

13.
SILVA, D. O.; Aline Diniz Rodrigues Caldas . Construção do fluxo de dados. In: Denise Cavalcante Barros; Denise Oliveira e Silva; Sílvia Angela Gugelmim. (Org.). Vigilância Alimentar e Nutricional para a Saúde Indígena. 01ed.Rio de Janeiro: Rio de Janeiro, 2008, v. 02, p. 187-202.

14.
Freitas, MC ; SILVA, D. O. . Escritas e Narrativas sobre alimentação e cultura. Escritas e Narrativas sobre alimentação e cultura. 01ed.Salvador: UFBA, 2008, v. 01, p. 207-216.

15.
SILVA, D. O.; GUERRERO, A. F. H. ; TOLEDO, L. M. . Reflexos do Singular na Desigualdade Social: os diversos sentidos da fome em quilombos na região norte, Brasil. In: Martin Lienhard. (Org.). Discursos sobre l(a) pobreza. America Latina y/e países luso-africanos. 1ed.Madrid-Frankfurt: Veuvert-IberoAmericana, 2006, v. I, p. 85-100.

16.
SILVA, D. O.. Nutrição, Meio Ambiente e Desenvolvimento: uma contribuição à Conferência Mundial de Ecologia e Meio Ambiente. In: Mario do Carmo Leal; Paulo Chagastelles Sabroza;Rodolfo Hector Rodrigues; Paulo Marchiori Buss. (Org.). Saúde, Ambiente e Desenvolvimento. 1ed.São Paulo: HUCITEC-ABRASCO, 1992, v. 2, p. 121-151.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SILVA, D. O.. As Exigências da exposição do corpo na sociedade: a rebeldia da gordura feminina como forma de libertação. Polemica, Rio de Janeiro.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PAIVA, V. F. ; SILVA, D. O. . Condicionalidades de Saúde do Bolsa Família, Ceilândia, Distrito Federal Brasil. In: Reunião da Comitiva de Honduras no Ministério da Saúde, 2012. Reunião da Comitiva de Honduras no Ministério da Saúde, 2102.

2.
PAIVA, V. F. ; SILVA, D. O. . Condicionalidades de Saúde do Bolsa Família, Ceilândia, Distrito Federal, Brasil. In: Reunião da Comitiva do México no Ministério da Saúde, 2011, Brasília. Reunião da Comitiva do México no Ministério da Saúde, 2011.

3.
SILVA, D. O.. Os Diversos Sentidos da Fome na Exclusão Social dos Quilombolas da Região Norte. In: Discursos sobre a Probreza na literatura, artes visuais, ciências sociais-America Latina e paises luso-africanos, 2004, Zurique. Discursos sobre a Pobreza na literatura, artes visuais, ciências sociais, 2004.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, D. O.. Saúde nos Espaços Quilombolas da Amazonia. In: VI Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2004, Recife. VI Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2004.

2.
SILVA, D. O.. Conceitos e Práticas de Educadores de 1ª a 4ª Séries no Distrito Federal. In: VI CONGRESSO BRASILEIRO DE EPIDEMIOLOGIA, 2004, Recife. VI Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2004.

3.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Concepções e Percepções de Professores, Crianças e Adolescentes do Ensino Fundamental sobre Alimentação e Nutrição para Identificação e Definição de um Circuito Básico de Informação e Comunicação para a Promoção da Alimentação Saudável. In: VII Congresso Brasileiro de Nutrição, 2004, Campo Grande. VII Congresso Brasileiro de Nutrição, 2004.

4.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Concepções e Percepções de Professores, Crianças e Adolescentes do Ensino Fundamental sobre Alimentação e Nutrição para Identificação e Definição de um Circuito Básico de Informação e Comunicação para a Promoção da Alimentação Saudável. In: VII Congresso Brasileiro de Nutrição, 2004, Campo Grande. VII Congresso Brasileiro de Nutrição, 2004.

5.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Conhecimento, Atitudes e Práticas de Agentes de Saúde sobre Alimentação Saudável no âmbito da Proposta de Atuação do Programa "Fome Zero" do Governo Federal. In: VI Congresso Brasileiro de Nutrição, 2004, Campo Grande. VI Congresso Brasileiro de Nutrição, 2004.

6.
SILVA, D. O.; NETTO, M. A. S. A. . SISVAN- Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional. In: V Congresso Médico de Brasília, 1997, Brasília. V Congresso Médico de Brasília, 1997.

7.
SILVA, D. O.; ALMEIDA, A. S. . O Paciente Dono da Doença - A cartilha Prontuário para Hipertensão e Diabéticos. In: I Semana Científica Multiprofissional do Hospital Geral de Bonsucesso, 1992, Rio de Janeiro. I Semana Científica Multiprofissional do Hospital Geral de Bonsucesso, 1992.

8.
SILVA, D. O.; ANJOS, L. A. ; SERRAO, S. A. . Perfil Nutricional de Adultos no CSE-GSF da Área Favelada de Manguinhos.. In: IV Jornada Científica da Fundação Oswaldo Cruz, 1991, Rio de Janeiro. IV Jornada Científica da Fundação Oswaldo Cruz, 1991.

9.
SILVA, D. O.; OLIVEIRA, H. . Estado Nutricional de Crianças Menores de 05 anos: Área Favelada de Manguinhos, 1998. In: V Congresso Brasileiro de Nutrição e Metabolismo Infantil, 1988, Vitória. V Congresso Brasileiro de Nutrição e Metabolismo Infantil, 1988.

10.
SILVA, D. O.; OLIVEIRA, H. ; CASTRO, I. R. R. . Comparação de Dados Antropométricos Coletados na Unidade de Treinamento Germano Sinval Faria. In: Painel de Alimentação e Nutrição no Brasil, da Escola Nacional de Saúde Pública, 1988, Rio de Janeiro. Painel de Alimentação e Nutrição no Brasil, da Escola Nacional de Saúde Pública, 1988.

11.
SILVA, D. O.; OLIVEIRA, H. . Características de Crianças Desnutridas Acompanhadas na Unidade de Treinamento Germano Sinval Faria. In: IX Congresso Brasileiro de Nutrição, 1987, Salvador. IX Congresso Brasileiro de Nutrição, 1987.

12.
SILVA, D. O.; OLIVEIRA, H. . Aspectos Individuais e Familiares de Crianças Moderadas e Gravemente Desnutridas Acompanhadas na UTGSF. In: V Congresso Brasileiro de Nutrição e Metabolismo Infantil, 1987, Vitória. V Congresso Brasileiro de Nutrição e Metabolismo Infantil, 1988.

Artigos aceitos para publicação
1.
Ell, Erika ; SILVA, D. O. . O Significado da Alimentação Saudável para Agricultoras Ecológicas Paraná,Brasil. Revista de Saúde Pública (USP. Impresso), 2011.

2.
SILVA, D. O.; GUERRERO, A. F. H. ; HURTADO-GUERRERO, C. ; TOLEDO, L. M. . A Rede de Causalidade da Insegurança Alimentar e Nutricional de Comunidades Quilombolas com a Construção da Rodovia BR 163, Pará, Brasil. Revista de Nutrição da PUCCAMP, 2008.

Apresentações de Trabalho
1.
SILVA, D. O. . La experiencia de la Red Interinstitucional de la Alimentacion y Cultura en Brazil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
SILVA, D. O. . Aspectos Socio-Culturales de la Alimentacion. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . O consumo de alimentos entre beneficiários do Programa Bolsa Família. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
FROZI, D. S. ; SILVA, DENISE OLIVEIRA E ; CAPELA, C. . A obesidade extremamente pobre: Contribuições das Ciências Sociais para as politicas públicas de alimentação e nutrição. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
ARAGAO, T. ; SILVA, D. O. . Etno-gravando hábitos alimentares: reflexões sobre etnografia e filme etnográfico em pesquisa com familias beneficiárias do Bolsa Familia na FERCAL, DF.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
SILVA, D. O.. Promoção da Alimentação Saudável. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
SILVA, D. O.. Alimentação e etnia: comunidades quilombolas e indígenas. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . A formação dos nutricionistas com ênfase no diálogo da alimentação e da cultura. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
SILVA, D. O. . Hábitos Alimentários, Consumo y salut. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Observatorio de la Alimentación en Brasil.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
SILVA, D. O. . Saúde da População Negra. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
SILVA, D. O.. Vigilância Nutricional em Distritos Sanitários Indígenas. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
SILVA, D. O. . Aliemtação Saudável. 2004. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

14.
SILVA, D. O.. Transtornos do Comportamento Alimentar: um problema de saúde. 2003. (Apresentação de Trabalho/Outra).

15.
SILVA, D. O.; SANTOS, L. M. P. . Anemia Nutricional em Escolas. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
SILVA, D. O.; PIRES, L. M. . Antropologia e Saúde. 2001. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
SILVA, D. O.. O Papel Estratégico do SISVAN nas Políticas Públicas. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

18.
SILVA, D. O.. A Política Nacional de Alimentação e Nutrição no Brasil. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

19.
SILVA, D. O.. O Papel dos Estudos Multicêntricos de Consumo Alimentar no Brasil. 1999. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

20.
SILVA, D. O.. Atuação do Nutricionista em Nível Federal. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
SILVA, D. O.. O Sistema de Vigilância Nutricional no Brasil. 1998. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

22.
SILVA, D. O.. A Política Nacional de Alimentação e Nutrição. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

23.
SILVA, D. O.; GALEAZZI, M. A. M. ; MENEZES, F. . O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional como Interlecutor da Segurança Alimentar Domiciliar. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

24.
SILVA, D. O.; GALEAZZI, M. A. M. ; MENEZES, F. . O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional como Interlocutor da Segurança Alimentar Domiciliar. 1997. (Apresentação de Trabalho/Outra).

25.
SILVA, D. O.; GALEAZZI, M. A. M. ; MENEZES, F. . O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional como Interlocutor da Segurança Alimentar Domiciliar. 1997. (Apresentação de Trabalho/Outra).

26.
SILVA, D. O.; GALEAZZI, M. A. M. ; MENEZES, F. . O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional como Interlocutor da Segurança Alimentar Domiciliar. 1997. (Apresentação de Trabalho/Outra).

27.
SILVA, D. O.. Informe do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional no Brasil. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

28.
SILVA, D. O.. Diretrizes Gerais para o SISVAN no Brasil. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

29.
SILVA, D. O.. Programas de Alimentação e Nutrição. 1997. (Apresentação de Trabalho/Outra).

30.
SILVA, D. O.. Diretrizes Gerais para o SISVAN no Brasil. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

31.
SILVA, D. O.. Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional- Consumo de Alimentos: Tendências no Brasil. 1997. (Apresentação de Trabalho/Outra).

32.
SILVA, D. O.. O Papel do Comitê de Segurança Alimentar e Nutricional do Brasil. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

33.
SILVA, D. O.. O Papel do Sistema de Informação para o SISVAN. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

34.
SILVA, D. O.. Planejamento em Nutrição e Saúde. 1996. (Apresentação de Trabalho/Outra).

35.
SILVA, D. O.. Sistemas de Informação em Saúde e Nutrição. 1996. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

36.
SILVA, D. O.. A Proposta Nacional do SISVAN do INAN. 1996. (Apresentação de Trabalho/Outra).

37.
SILVA, D. O.. Em Defesa de Uma Política de Segurança Alimentar. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
SILVA, D. O.; NETTO, M. A. S. A. ; SERRAO, S. A. ; PORTILLO, F. L. ; FATIMA, N. . O Processo de Desenvolvimento do SISVAN no Brasil. 1996. (Apresentação de Trabalho/Outra).

39.
SILVA, D. O.. O Projeto SISVAN no Brasil. 1995. (Apresentação de Trabalho/Outra).

40.
SILVA, D. O.. O Projeto do SISVAN no Brasil. 1995. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

41.
SILVA, D. O.. A Vigilância Nutricional no Rio de Janeiro. 1993. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

42.
SILVA, D. O.. A Vigilância Nutricional no Rio de Janeiro. 1993. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

43.
SILVA, D. O.. O Cartão de Saúde do Adulto. 1993. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

44.
SILVA, D. O.. Vigilância Nutricional na População Adulta. 1992. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

45.
SILVA, D. O.. Aspectos Operacionais do SISVAN no Setor Saúde. 1992. (Apresentação de Trabalho/Outra).

46.
SILVA, D. O.. A Vigilância Nutricional no Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria - ENSP-FIOCRUZ. 1992. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

47.
SILVA, D. O.. O Problema Nutricional e Alimentar Brasileiro. 1992. (Apresentação de Trabalho/Outra).

48.
SILVA, D. O.. O conceito de Vigilância Alimentar e Nutricional. 1992. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

49.
SILVA, D. O.. Incidência da Obesidade em Comunidades de Baixa Renda. 1990. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

50.
SILVA, D. O.. A Vigilância Nutricional no Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria. 1990. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

51.
SILVA, D. O.. Programa de Ações Básicas de Saúde. 1989. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

52.
SILVA, D. O.. A Prática Educativa na Unidade de Treinamento Germano Sinval Faria. 1987. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
HERNANDEZ, J. C. ; GRACIAS, M. ; SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Coordenação da Equipe de Tradução do livro Alimentacion e Cultura. Barcelona: Universidade de Barcelona, 2012. (Tradução/Livro).

2.
SILVA, D. O.. Conhecimentos, Atitudes e Práticas de Profissionais de Saúde da Atenção Básica do Distrito Federal sobre Alimentação Saudável. Brasília: Universidade de Brasília, 2001 (Tese).

3.
LEFEVRE, P. ; SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Coordenação da equipe de Tradução do Livro Abordagem de Planejamento Participativo e Abrangente. IBEF, 2000. (Tradução/Livro).

4.
SILVA, D. O.; PORTILLO, F. L. ; NETTO, M. A. S. A. ; FATIMA, N. ; SERRAO, S. A. . Boletim Nacional do SISVAN. Brasília: Instituto Nacional de Alimentação e Nutrição, 1997 (Boletim).

5.
SILVA, D. O.. O Fiel da Balança na História do Corpo Obeso de Mulheres de Baixa Renda em Manguinhos. Rio de Janeiro: Escola Nacional de Saúde Pública, 1995 (Tese).

6.
SILVA, D. O.. Methodologie D'Etude de L'Etat Nutritionnel D'Une Population: Obesité Chez les femmes pauvres de Rio de Janeiro, Brésil. Gand: Université Gand, 1991 (Tese).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
SILVA, D. O. . Missão Prospectiva de Segurança Alimentar e Nutricional a Agencia Brasileira de Cooperação. 2017.

2.
SILVA, D. O. . Seleção Publica de Propostas de Apoio à Promoção, Realização e Organização de Eventos Cientificos, Tecnologicos e de Inovação. 2017.

3.
SILVA, D. O. . WordNutritionRio2012 Grupo de Trabalho- Resgate e re-invenção de hábitos e pra´ticas alimentares e de identidade corporal na promoção a saúde. 2012.

4.
SILVA, D. O. . Comitê Tecnico de Saúde da População Negra. 2010.

5.
SOUZA, W. V. ; SILVA, D. O. . Mestrado Profissional em Saúde Pública. 2009.

6.
SILVA, D. O.. Guia Alimentar da População Brasileira. 2006.

7.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Representação da Fiocruz no Grupo Técnico de Saúde da População Negra. 2006.

8.
SILVA, D. O.. Diretrizes para o Desenvolvimento de um Programa Intersetorial de Alimentação Saudável. 2005.

9.
SILVA, D. O. . Proposta de Promoção a Alimentação Saudável e Adequada no Brasil. 2005.

10.
SILVA, D. O. . Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional. 1998.

11.
SILVA, D. O. . Sistema Nacional de Vigilância Alimentar e Nutricional. 1997.

12.
SILVA, D. O.. As Representações Sociais de Saúde e Nutrição de Famílias de Baixa Renda de São Domingos- Conceição de Macabu - Rio de Janeiro. 1994.

13.
SILVA, D. O.. Aspectos do Estado Nutricional de Famílias de Baixa Renda - São Domingos - Rio de Janeiro. 1994.

14.
SILVA, D. O.. O Desenvolvimento Agrícola e Suas Consequencias sobre o Estado Nutricional em Famílias de um Assentamento Rural. 1994.

15.
SILVA, D. O.. Nutrição, Alimentação e Saúde. 1994.

Programas de computador sem registro
1.
SILVA, D. O.; GUERRERO, A. F. H. . Site do Projeto Quilombos- FIOCRUZ. 2005.

2.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. ; ZABOROWISCK, E. L. ; ENGSTROM, E. M. . Curso a Distância de Vigilância Alimentar e Nutricional. 2000.

3.
SILVA, D. O.; NETTO, M. A. S. A. . Gerenciamento do fluxo de dados do Sistema Nacional de Vigilância Alimentar e Nutricional em nível municipal, estadual e federal. 1997.

Produtos tecnológicos
1.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Video planejamento em alimentação e nutrição. 2012.

2.
SILVA, D. O. ; FROZI, D. S. ; CABRINI, D. ; SERRAO, S. A. ; OLIVEIRA, B. T. ; PIANISSOLLA, M. B. . Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. 2010.

3.
SILVA, D. O.; SERRAO, S. A. . Video sobre sistema de vigilância alimentar e nutricional. 1997.

Processos ou técnicas
1.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distancia de Educação Nutricional para o Programa Bolsa Familia. 2011.

2.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Projeto politico pedagógico para formação a distancia para a politica nacional de alimentação e nutrição. 2011.

3.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Projeto politico pedagógico para formação de profissionais de saúde em nutrição na atenção básica. 2011.

4.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Brincando de comer com a Fiocruz2004. 2007.

5.
SILVA, D. O. . Projeto Politico Pedagogico do Curso de Especialização em Gestão de Politicas de Alimentação e Nutrição. 2006.

6.
CAVALCANTE, D. B. ; OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Projeto politico-pedagogico de curso de ensino a distância de aperfeiçoamento em siistemas de vigilância alimentar e nutricional para setor saúde. 2006.

7.
SILVA, D. O. ; Freitas, MC . Projeto politico pedagógico para formação em alimentação e cultura. 2004.

8.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Projeto politico-pedagogico de curso de ensino a distância de aperfeiçoamento em siistemas de vigilância alimentar e nutricional para setor saúde. 2000.

9.
SILVA, D. O. ; PORTILLO, F. L. ; FATIMA, N. . Procedimentos para a coleta, processamento, análise e divulgação do sistema de vigilancia alimentar e nutricional no Brasil. 1995.

10.
SILVA, D. O. ; BATISTA FILHO, M. . Projeto politico pedagógico para formação de profissionais de saúde em sistemas de vigilancia alimentar e nutricional no setor saúde. 1987.

11.
SILVA, D. O. ; ZABOROWISCK, E. L. . Interconsulta para cuidado de crianças desnutridas. 1987.

12.
SILVA, D. O. . Modelo operacional e técnico para a implementação de sistemas de vigilancia nutricional. 1987.

Trabalhos técnicos
1.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE ; Freitas, MC . Alimentos regionais brasileiros. 2015.

2.
SILVA, D. O. ; HERNANDEZ, J. C. ; VILLA, M. B. . Criação da Revista dee Alimentação e Cultura das Américas. 2015.

3.
SILVA, D. O. ; BARROS, D. C. ; BAIAO, M. R. . Educação Alimentar e Nutricional no Programa Bolsa Família. 2014.

4.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Manual de Planejamento Participativo e Abrangente para Projetos de Alimentação e Nutrição. 2013.

5.
SILVA, D. O.. Política Nacional de Alimentação e Nutrição da População Negra. 2011.

6.
SILVA, D. O.; GUERRERO, A. F. H. . Segurança Alimentar e Nutricional de Populações Quilombolas de Santarém, Pará. 2008.

7.
SILVA, D. O.. Alimentação Escolar no Brasil: Relatório de Apresentação de Propostas. 2004.

8.
SILVA, D. O.. Oficina de Nutrição no Campo da Saúde Coletiva no VII Congresso de Saúde Coletiva. 2003.

9.
SILVA, D. O.; BATISTA FILHO, M. ; CASTRO, I. R. R. ; ENGSTROM, E. M. ; ZABOROWISCK, E. L. ; GALEAZZI, M. A. M. ; COITINHO, D. C. ; OLIVEIRA, G. S. ; REZENDE, A. L. ; PORTELA, Z. . Rede Integeragencial de Informação para a Saúde-Comitê Temático Interdisciplinar do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional. 1999.

10.
SILVA, D. O.. Informe de Avaliação do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional como Interlocutor Apropriado para a Segurança Alimentar e Nutricional em Nível Local. 1998.

11.
SILVA, D. O.. Diretrizes Gerais: A Estrutura Metodológica e Operacional do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional no Brasil. 1997.

12.
SILVA, D. O.; GALEAZZI, M. A. M. ; MENEZES, F. . O Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional como Interlocutor Apropriado da Segurança Alimentar no Brasil. 1997.

13.
SILVA, D. O.. Informe Oficial do Brasil na Reunião Técnica Sobre Sistema Latino Americano de Vigilância Alimentar e Nutricional Sobre o Processo de Implantação do SISVAN no Brasil. 1996.

14.
SILVA, D. O.. Avaliação do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional e o Programa Leite é Saúde no Brasil. 1995.

15.
SILVA, D. O.. Informe Oficial do Brasil para a Sexta Mesa Redonda Sobre Sistemas de Vigilância Alimentar e Nutricional da América Latina e Caribe. 1995.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SILVA, D. O. . Ciclo de Debates do Portas Abertas do Observatorio Brasileiro de Habitos Alimentares. 2013. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

Redes sociais, websites e blogs
1.
SILVA, D. O. ; OLIVEIRA, B. T. ; Ell, Erika ; SERRAO, S. A. ; CABRINI, D. ; PIANISSOLLA, M. B. ; CORREA, A. M. S. . Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. 2016; Tema: Hábitos Alimentares. (Rede social).

2.
SILVA, D. O.; RECINE, E. G. I. G. . Observatório de Hábitos Alimentares na Região Centro-Oeste. 2014. (Site).

3.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Planejamento Participativo e Abrangente (APPA). 2013; Tema: Metodologia - Abordagem de Planejamento Participativo e Abrangente (APPA). (Blog).

4.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE ; CAVALCANTE, D. B. . Rede Interinstitucional de Alimentação e Cultura. 2012; Tema: Alimentação, saúde e culura. (Site).


Demais tipos de produção técnica
1.
SILVA, D. O. . Curso de Prevenção Tratamento e Manejo do Sobrepeso e da Obesidade na SES-DF. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Regulamentação da Rotulagem Alimentar. 2018. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

3.
SILVA, D. O. ; OLIVEIRA, B. T. ; GOMES, F. ; PACHECO, L. ; PEREIRA, L. L. ; PEREIRA, E. D. . Patrimonios alimentares materiais e imateriais de populações quilombolas de Goias. 2018. (Relatório de pesquisa).

4.
SILVA, D. O. . Curso de Prevenção Tratamento e Manejo do Sobrepeso e da Obesidade na SES-DF. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
SILVA, D. O. . Seminarios Contemporâneos sobre Hábitos Alimentares, Corporalidades e Obesidade. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
SILVA, D. O. . Topicos Especiais II: Equidade e Politicas Publicas para a Saude no Territorio III. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Comunidade que Sustenta a Agricultura. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

8.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Hábitos Alimentares na Atualidade. 2017. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

9.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Revista de Alimentação e Cultura das Americas. 2017. (Editoração/Periódico).

10.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Disciplina Optativa para Mestrado Profissional em Politicas Publicas em Saúde. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

11.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E ; PELIANO, A. M. ; BATISTA FILHO, M. ; CAMPELLO, T. . 70 Anos do Livro Geografia da Fome. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

12.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Alimentação, Cultura e SAN. 2016. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

13.
SILVA, D. O. . Biografias alimentares de mulheres obesas pobres no Brasil. 2016. (Relatório de pesquisa).

14.
SILVA, D. O. ; SERRAO, S. A. . Disciplina Planejamento Participativo e abrangente: uma abordagem para a construção de projetos em alimentação e nutrição no Brasil do Curso de Pos Graduação Especialização em Saúde Coletiva. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

15.
SILVA, D. O. . Alimentação e Cultura. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - aula magna).

16.
SILVA, D. O. . Curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

17.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Intersetorialidade da Política de Alimentação e Nutrição. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

18.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Protagonismo e Liderança. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

19.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . O olhar sobre a práxis e locus da PNAN no Brasil. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeoeducacional).

20.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Segurança Alimentar na Comunidade de Países Africanos de Língua Portuguesa. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

21.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE ; RECINE, E. G. I. G. . Nucleo de Segurança Alimentar e Nutricional do Centro-Oeste. 2014. (Relatório de pesquisa).

22.
SILVA, D. O.; RECINE, E. G. I. G. . Disciplina Comensalidade e Saúde para a Pós Graduação em Nutrição Humana da Universidade de Brasilia. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

23.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Abordagem de planejamento participativo e abrangente. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).

24.
SILVA, D. O.. Curso de Pós-Graduação Internacional de Planejamento Participativo e Abrangente. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

25.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Relatorio de Estagio de Pos-Doutoramento na Ecole des Hautes Etudes en Science Sociales. 2012. (Rede Científica).

26.
SILVA, D. O.. Curso de Pos Graduação em Alimentação e Cultura. 2011. .

27.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Curso de Pós Graduação em Alimentação e Cultura. 2010. .

28.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE ; HERNANDEZ, J. C. . Relatorio de Visita Técnica ao Observatorio de Alimentação da Universidade de Barcelona. 2010. (Rede Científica).

29.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Curso de Pos Graduação Alimentação e Cultura. 2009. .

30.
SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação de Especialização em Gestão de Politicas Públicas de Alimentação e Nutrição. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

31.
SILVA, D. O.; Ell, Erika . Informação, Comunicação e Educação para a Promoção da Alimentação Saudável no DF. 2009. (Relatório de pesquisa).

32.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Curso de Pos Graduação Alimentação e Cultura. 2008. .

33.
SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação de Especialização em Gestão de Politicas Publicas de Alimentação e Nutrição. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

34.
SILVA, D. O. . Curso de Especialização em Politicas de Saúde. 2008. (Relatório de pesquisa).

35.
SILVA, D. O.; GUERRERO, A. F. H. . Insegurança Alimentar e Nutricional de Populações Quilombolas com a Abertura da Rodovia BR163. 2008. (Relatório de pesquisa).

36.
SILVA, D. O.. Curso de Especialização em Gestão de Politicas de Alimentação e Nutrição. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

37.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distância de Especialização em Vigilância Alimentar e Nutricional para a Saúde Indigena. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

38.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Curso de Pos-Graduação em Aperfeiçoamento em Alimentação e Cultura. 2007. .

39.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Curso de Pos Graduação para Formação da Rede de Implementação do SISVAN-Indigena no Brasil. 2007. .

40.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E ; Freitas, MC . Curso de Pos Graduação de Atualização em Alimentação e Cultura. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

41.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distancia em Vigilância Alimentar e Nutricional. 2006. .

42.
Freitas, MC ; SILVA, D. O. . Rede Interinstitucional de Alimentação e Cultura. 2006. (Rede Científica).

43.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Curso de Pos Graduação de Atualização em Alimentação e Cultura. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

44.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distancia em Vigilância Alimentar e Nutricional. 2005. .

45.
SILVA, D. O.; ROMEIRO, J. ; PEREIRA, C. . Alfabetização de Jovens e Adultos de Assentamentos Rurais no Centro-Oeste- Fome de Letras. 2005. (Relatório de pesquisa).

46.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distancia em Vigilância Alimentar e Nutricional. 2004. .

47.
SILVA, D. O.; Freitas, MC . Curso de Pos Graduação de Atualização em Antropologia da Saúde e do Saneamento com: Ênfase na Etnografia da Saúde. 2004. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

48.
SILVA, D. O.; Freitas, MC . Curso de Pos Graduação em Atualização em Antropologia da Saúde e do Saneamento com: Ênfase na Etnografia da Saúde. 2003. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

49.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 2003. .

50.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distância em Vigilância Alimentar e Nutricional. 2002. .

51.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distância de Sistemas de Vigilância Alimentar e Nutricional no Setor Saúde. 2001. .

52.
SILVA, D. O.. Disciplina de Educação Nutricional para o Curso de Graduação em Nutrição Humana da Universidade de Brasilia. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

53.
CAVALCANTE, D. B. ; SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação a Distancia em Aperfeicoamento em Sistemas de Vigilância Alimentar e Nutricional. 2000. .

54.
SILVA, D. O.. Curso de Especialização de Gestão e Projetos de Alimentação e Nutrição. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

55.
SILVA, D. O.; PIRES, L. M. ; MONTEIRO, J. B. R. ; TUMA, R. C. B. ; DURAES, J. ; BARRETO, I. ; DOURADO, D. ; ZAINKO, M. A. S. . A Auto Avaliação do Processo de Formação do Nutricionista no Brasil. 2000. (Relatório de pesquisa).

56.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1999. .

57.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1998. .

58.
SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1998. .

59.
SILVA, D. O.; GALEAZZI, M. A. M. ; SCHIERI, R. . Estudo Multicêntrico de Consumo Alimentar em 07 Cidades Brasileiras. 1998. (Relatório de pesquisa).

60.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1997. .

61.
SILVA, D. O.; SERRAO, S. A. . O sistema de vigilância alimentar e nutricional em serviços de saúde.. 1997. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Vídeo de treinamento de Profissionais de Saúde).

62.
SILVA, D. O.; SERRAO, S. A. . Antropometria em serviços de saúde. 1997. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Vídeo de treinamento em Antropometria).

63.
SILVA, D. O.; SERRAO, S. A. . Atitude de Vigilância. 1997. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Vídeo de Treinamento de Profissionais de Saúde).

64.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1996. .

65.
SILVA, D. O.. Disciplina Problemática Alimentar e Planejamento Nutricional do Curso Mestrado em Nutrição Humana da Universidade Federal do Rio de Janeiro. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

66.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1995. .

67.
SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1995. .

68.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Curso de Pos Graduação em Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional. 1994. .

69.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1993. .

70.
SILVA, D. O.. Disciplina de Vigilância Alimentar e Nutricional no Curso de Especialização em Nutrição Humana da Universidade Federal do Rio de Janeiro. 1993. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

71.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1992. .

72.
SILVA, DENISE OLIVEIRA E . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1991. .

73.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1990. .

74.
SILVA, D. O. . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1989. .

75.
SILVA, D. O. ; BATISTA FILHO, M. . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1988. .

76.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE ; BATISTA FILHO, M. . Curso de Pos Graduação em Vigilância Alimentar e Nutricional. 1987. .

Demais trabalhos
1.
SILVA, D. O.. Agenda de Prioridades em Pesquisas- Saúde da População Negra. 2006 (Assessoria) .

2.
SILVA, D. O.. Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional. 2004 (Assessoria) .

3.
SILVA, D. O.. Coordenação de trabalhos científicos de alimentação e nutrição do VII ABRASCO. 2003 (Assessoria) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
SILVA, D. O.; RECINE, E. G. I. G.; SEVERO, Fernanda. Participação em banca de Ana Maria Thomaz Maia Martins. Dialogos entre os principios e as diretrizes do Guia Alimentar da População Brasileira a partir do olhar de Agentes Comunitarios de Saude do Distrito Federal. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Politicas Públicas em Saude) - Escola Fiocruz de Governo.

2.
Freitas, MC; SILVA, D. O.; MORAIS, L. R. S.; ARAUJO, M. P. N.. Participação em banca de Mércia Ferreira Barreto. Segurança alimentar e nutricional e contaminação ambiental em uma comunidade do município de Santo Amaro, Bahia.. 2015. Dissertação (Mestrado em Alimentos, Nutrição e Saúde) - Universidade Federal da Bahia.

3.
SILVA, D. O.; Freitas, MC; CARDOSO, R. D. C. V.; ARAUJO, M. P. N.. Participação em banca de Mércia Ferreira Barreto. Segurança alimentar e nutricional e contaminação ambiental: significados atribuídos por marisqueiras quilombolas. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciência de Alimentos) - Universidade Federal da Bahia.

4.
SILVA, D. O.; PEIXOTO, M. R. G.; SOUSA, L. M.. Participação em banca de Maria de Morais Cordeiro. Perfil nutricional de estudantes quilombolas e a segurança alimentar de suas famílias.. 2013. Dissertação (Mestrado em Nutrição e Saúde) - Universidade Federal de Goiás.

5.
SILVA, D. O.; SANTOS, L. M. P.; RIBEIRO, J. M.. Participação em banca de Cássia Perreira da Silva. Análise do fomento à pesquisa em Alimentação e Nutrição no Brasil entre 2004 e 2008. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional en Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães.

6.
SILVA, D. O.; PINHEIRO, A. R. O.; BARROS, D. C.. Participação em banca de Vanessa Conceição Rocha Araújo de menezes. O Conhecimento de Profissionais de Saúde que Atuam na Rede de Atenção Básica do Distrito Federal sobre os atributos conceituais de Promoção a Alimentação Saúdavel Propostos pelo Guia Alimentar da População Brasileira. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional en Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães.

7.
Santos, LAS; SILVA, D. O.; Santos, Sandra Chaves. Participação em banca de Maria Albanita Paiva de Andrade. Preferencias Alimentares entre Adolescentes: Estudo de Casoem Salvador, Bahia. 2009. Dissertação (Mestrado em Nutrição) - Universidade Federal da Bahia.

8.
SILVA, D. O.; MENDES, A. C. G.; FARIAS, S. F.. Participação em banca de Rayone Moreira Costa. Análise do Programa de Reestruturação dos Hospitais de Ensino: o caso de um hospital de Minas Gerais.. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional en Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães.

9.
Freitas, MC; SILVA, D. O.; Santos, LAS; Goes, JAW. Participação em banca de Odilon Braga Castro. Cozinhas e Cozinheiros: um estudo em restaurante populares no bairro do Comércio do Salvador. 2008. Dissertação (Mestrado em Nutrição) - Universidade Federal da Bahia.

10.
SANTOS, Ednamara Filomena dos; SILVA, D. O.. Participação em banca de Ednamara Filomena dos Santos. Transformando o olhar: as práticas educativas e introdução de alimentos na dieta de crianças. 2007. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

11.
PAIVA, V. F.; SILVA, D. O.. Participação em banca de Valeria Fonseca de Paiva. Programa Bolsa-Família: uma avaliação das condicionalidades da saúde com famílias de Ceilândia/DF. 2007. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília.

12.
GENTIL, P. C.; SILVA, D. O.. Participação em banca de Patricia Chaves Gentil. Escolhas Alimentares Saudáveis e Não saudáveis: uma realidade do Distrito Federal. 2006. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília.

13.
PASQUIM, E. M.; SILVA, D. O.. Participação em banca de Elaine Martins Pasquim. Implementação dos Programas Bolsa Escola, Bolsa Alimentação e Cartão Alimentação. 2006. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília.

14.
SILVA, D. O.; TOLEDO, L. M.; NATAL, S.. Participação em banca de Fernanda Oliveira de Souza. Avaliação da Implementação das Ações de Testagem e Aconselhamento para HIV em Unidades Básicas das Ações do Município de Manaus. 2006. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Fundação Oswaldo Cruz.

15.
SANTOS, L. M. P.; SILVA, D. O.; Rosa Helena Stein. Participação em banca de Elaine Martins Pasquim. Implementação dos Programas Bolsa Escola, Bolsa Alimentação e Cartão Alimentação. 2006. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília.

16.
SILVA, D. O.. Participação em banca de Patricia Martins Fernandez. Noções Conceituais e Práticas em Alimentação e Nutrição de Educadores de 1ª a 4ª séries do Distrito Federal. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

17.
SILVA, D. O.; RECINE, E. G. I. G.; COITINHO, D. C.. Participação em banca de Patrícia da Gama Radaelli. Comportamento Alimentar da Populaçào Adulta do Distrito Federal, Brasil: Atitudes Relacionadas com a Alimentação Saudável. 2004. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília.

18.
RADAELLI, Patrícia da Gama; SILVA, D. O.. Participação em banca de Patricia da Gama Radaelli. Comportamento Alimentar da População Adulta do Distrito Federal, Brasil: Atitudes Relacionadas com a Aliemntação Saudável. 2003. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília.

Teses de doutorado
1.
Camilo Adalton Mariano da Silva; SILVA, D. O.; Rosely Magalhães de Oliveira; Ana Claudia Figuero; Marly Marques da Cruz; CAVALCANTE, D. B.. Participação em banca de Santuzza Arreguy Silva Vitorino. Avaliação da implantação da Vigilância Alimentar e Nutricional na Atenção Primaria a Saúde: estudos de caso em municípios de pequeno porte de Minas Gerais. 2017. Tese (Doutorado em Doutorado em Saúde Pública) - Fundação Oswaldo Cruz.

2.
SILVA, D. O.; Lise Renaud. Participação em banca de Mariella Silva Oliveira Costa. "Parem as máquinas! A gente não quer só comida!. 2017. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

3.
SANTOS, L. M. P.; SILVA, D. O.. Participação em banca de Lucelia Luiz Pereira. Pesquisa Avaliativa sobre a Implantação do Projeto Mais Medicos para o Brasil em Comunidades Quilombolas. 2016. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

4.
SILVA, D. O.; PACHECO, L. M.. Participação em banca de Lucélia Luiz Pereira. Atuação do Programa Mais Médicos em Comunidades Rurais e Quilombolas. 2016. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

5.
SILVA, D. O.; Carlos Coimbra. Participação em banca de Miriam Ribeiro Baião. Representações sociais sobre alimentação e prátcas alimentares de gestantes e puérperas. 2007. Tese (Doutorado em Pós-graduação em Saúde da Criança e da Mulher) - Instituto Fernandes Figueira.

6.
NAZARENO, E. R.; BRANDERBURG, A.; SILVA, D. O.. Participação em banca de Erica Ell. Práticas Alimentares e de Saúde de Agricultores Ecológicos da Região Metropolitana de Curitiba. 2006. Tese (Doutorado em Doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento) - Universidade Federal do Paraná.

7.
SILVA, D. O.. Participação em banca de Cristina Sebba. Comportamento Alimentar da População do DF. 2005. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

Qualificações de Doutorado
1.
SANTOS, L. M. P.; SILVA, D. O.; SOUZA, C. G.; HAMANN, E. M.. Participação em banca de Lucelia Luiz Pereira. Pesquisa Avaliativa sobre a Implantação do Projeto Mais Médicos para o Brasil em Comunidades Quilombolas. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
SILVA, D. O.; ASSUNÇÃO, N.C.; GUIZARDI, F. L. Participação em banca de Carolina Pina Camandaroba. Curso de Especialização em Saude Coletiva. 2018. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Escola Fiocruz de Governo.

2.
SILVA, D. O.; MOURA, L.. Participação em banca de Marília Barreto Meneses Pessoa Lima. Resgate e valorização de práticas alimentares tradicionais. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Saúde Coletiva) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz.

3.
SILVA, D. O.; SEVERO, F. M. D.; MOREIRA, D. S.. Participação em banca de Lidiane Carvalho Cavalcante. Estimulo a criação de espações de escuta na terapia nutricional realizada por profissionais nutricionistas para pacientes com diabettes mellitus tipo 2 internados no Hospital Regional do Paranoá. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.

4.
SILVA, D. O.; BOTELHO, R.; NASCIMENTO, L. B.. Participação em banca de Stella Lemke. Livro de Receitas: Tradições da comunidade- preparo e partilha de refeições. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.

5.
FROZI, D. S.; SILVA, D. O.; BASTOS, H. A. D.. Participação em banca de Ana Paula Costa de Campos. Exposição de Fotos- Herança da Cultura Nordestina. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.

6.
SILVA, D. O.; FROZI, D. S.; BASTOS, H. A. D.. Participação em banca de Ana Paula Costa de Campos. Exposição de Fotos- Herança da Cultura Nordestina. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Escola Fiocruz de Governo.

7.
FROZI, D. S.; SILVA, D. O.; MOURA, L.. Participação em banca de Marilia Barreto Menses Pessoa Lima. Resgate e valorização de práticas alimentares tradicionais. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Escola Fiocruz de Governo.

8.
SILVA, D. O.; ROMERO, L. C. P.. Participação em banca de Luciana Magalhães Paliarin. Programa de redução da prevalência da obesidade infantil com ênfase em ações de alimentação e nutrição no município de Aquidauna-MS. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Política de Alimentação Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz.

9.
SILVA, D. O.; BANDEIRA, L. M.. Participação em banca de Ligia Rejane Siqueira Garcia. Semana educativa de combate à hipertensão arterial nas unidades básicas do município de mossoró-RN.. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Política de Alimentação Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz.

10.
SILVA, D. O.; MONTEIRO, R. A.. Participação em banca de Lidiana Maria de Carvalho Coelho. Arte Educação em alimentação e nutrição para os escolares do município de Araripina-PE. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Política de Alimentação Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz.

11.
SILVA, D. O.; GUBERT, M.. Participação em banca de Julieta Domingos Nancassa Dias. Análise das Experiências de validação e adaptação da escala americana de aferição de insegurança alimentar. 2011. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
SILVA, D. O.. Participação em banca de Luiza Roure de Aguiar Rodrigues.Autobiografias e biografias alimentares como estratégia de informação, comunicação e educação para a abordagem do excesso de peso em mulheres pobres no Brasil. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Programa de Iniciação Cientifica) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.

2.
SILVA, D. O.. Participação em banca de Francisca Rosa e Silva.Clube do Jardim - Comunidade de Práticas Agroecologicas e sustentáveis. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Programa de Iniciação Cientifica) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SILVA, D. O.. Banca Examinadora para Duas Vagas para Professor Assistente do Departamento de Nutrição Social da Universidade Federal da Bahia. 2004. Universidade Federal da Bahia.

2.
SILVA, D. O.. Banca Examinadora de uma Vaga para Professor Assistente do Departamento de Nutrição Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro. 2002. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Outras participações
1.
SILVA, D. O.; BARRETO, M. L.; COSTA, B. L. D.; SOARES, S. S. D.; ROMANO, J. O.; BUSS, P. M.. Banca de Notorio Saber de Tereza Helena Gabrielli Barreto Campello. 2017. Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.

2.
SILVA, D. O.; ENGSTROM, E. M.. Seleção de Bolsistas- Perfil Segurança Alimentar e Nutricional. 2008. Diretoria Regional de Brasília.

3.
SILVA, D. O.; GENTIL, P. C.; CAVALCANTE, A. P. F.; PIRES, L. M.; RISSIN, A.; SERRAO, S. A.. Curso de Especilização em Gestão de Alimentação e Nutrição. 2007. Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VII Reunião Anual de Iniciação Cientifica.VII Reunião Anual de Iniciação Cientifica. 2017. (Outra).

2.
II Encuentro de Investigacion y Servicio del Departamento de Atencion a la Salud.Aspectos socio culturales de la alimentacion. 2015. (Encontro).

3.
II Encuentro de Investigacion y Servicio del Departamento de Atencion a la Salud.Avaliação de projetos de dissertação de doutorado em politicas públicas de alimentação e nutrição. 2015. (Encontro).

4.
II Encuentro de Investigacion y Servicio del Departamento de Atencion a la Salud.La importancia da Rede Interintitucional de Alimentação e Cultura no Brasil. 2015. (Encontro).

5.
V Forum Science et Societé.L"agroecologie comme un chemin pour la santé et la securité alimentaire et nutritionnele. 2015. (Seminário).

6.
Ciclo de Debates sobre Bioética, Diplomacia e Saúde Pública.Segurança Alimentar nos Países de Língua Portuguesa. 2014. (Seminário).

7.
Simpósio Nacional de Alimentação e Cultura.Debate sobre Alimentação e Cultura na graduação e pós-graduação em Nutrição. 2014. (Simpósio).

8.
V Congresso Ibero-americano de Nutrição. A roça é uma mãe! Se você tiver fome e for na roça, você traz comida pra dentro de casa? Diálogos dos quilombos de Tijuaçu quanto a promoção de segurança alimentar e nutricional através da agricultura familiar.. 2014. (Congresso).

9.
10 anos do Bolsa Família.10 anos do Programa Bolsa Familia: avanços e desafios. 2013. (Seminário).

10.
II Seminário Territórios, Religiosidades e Saúde.Seminário Territórios, Religiosidades e Saúde. 2013. (Seminário).

11.
I Simpósio de Alimentação, Cultura e Saúde.Alimentação, Cultura e Saúde.. 2013. (Simpósio).

12.
World Nutrition Rio 2012. Concepções sobre Alimentação e Cultura entre Participantes de um Congresso Brasileiro de Nutrição. 2012. (Congresso).

13.
CONBRAN 2010. Quilombolas. 2010. (Congresso).

14.
Seminário Nacional de Alimentação no SUS.PNAN 10 anos. 2010. (Seminário).

15.
5° Forum Nacional de Nutrição - Região Centro-Oeste.Alimentação e Cultura. 2009. (Seminário).

16.
I Congreso Español de Sociología de la Alimentación. Concepções sociais sobre alimentação saudável en mulheres quilombolas da Amazônia. 2009. (Congresso).

17.
IX Colquio de la REDAM ( Antropología Médica).Alimentación, Salud y Cultura.. 2009. (Seminário).

18.
Congresso Internacional de Saúde Pública. Condicionalidades de Saúde do Bolsa Família, Ceilândia, Distrito Federal, Brasil. 2008. (Congresso).

19.
II Mostra de Alimentação e Nutrição do SUS.II Mostra de Alimentação e Nutrição do SUS. 2008. (Seminário).

20.
II Simpósio Internacional da Alimentação e Cultura.II Simpósio Internacional de Alimentação e cultura. 2008. (Simpósio).

21.
XX Congresso Brasileiro de Nutrição.Alimentação e Cultura. 2008. (Oficina).

22.
I Seminário Internacional de Saúde da População Negra.Saúde e Segurança Alimentar em Populações Quilombolas. 2007. (Seminário).

23.
I Simpósio Nacional de Alimentação, Saúde e Cultura.I Simpósio Nacional de Alimentação, Saúde e Cultura.. 2007. (Simpósio).

24.
VII Encontro Regional de Estudantes de Nutrição - Sudeste I e II.Antropologia da Alimentação. 2007. (Seminário).

25.
I Seminário entre Instituições de Pesquisa e de Ensino Formal.Parcerias Educativas. 2006. (Seminário).

26.
Seminário sobre as Diretrizes do SISVAN Indígena.Seminário sobre as Diretrizes do SISVAN Indígena. 2006. (Seminário).

27.
VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. Obesidade e níveis de glicemia em populações remanescentes de quilombos da Amazônia- Brasil. 2006. (Congresso).

28.
VIII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. Concepções e Percepções no Universo Escolar. 2006. (Congresso).

29.
VIII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. Prevalência de Sobrepeso e obesidade em escolares no Distrito Federal, a partir de dois estudos realizados em 1998 e 2004.. 2006. (Congresso).

30.
X Sessão dos Seminários Avançados da FIOCRUZ-Brasília.Alimentação Saudável - Direito Fundamental. 2006. (Seminário).

31.
1º Congresso Baiano de Alimentação e Nutrição. Epistemologia da alimentação. 2005. (Congresso).

32.
1º Congresso Baiano de Alimentação e Nutrição. Alimentação e Nutrição: Princípios de Qualidade de Vida.. 2005. (Congresso).

33.
32ª Sessão do Comitê Permamente de Nutrição da ONU.Segurança Alimentar e Nutricional de Populações Indígenas. 2005. (Outra).

34.
Curso de ATER e Saúde no Meio Rural.Curso de ATER e Saúde no Meio Rural. 2005. (Outra).

35.
II Semana Nacional de Ciência e Tecnologia.I Mostra Científica da Fiocruz em Brasília. 2005. (Seminário).

36.
I Seminário de Agricultura Orgânica, Saúde Pública e Sustentabilidade.Alimentação Saudável. 2004. (Seminário).

37.
IV Bienal de Pesquisa.Concepções e percepções de professores, crianças e adolescentes do ensino fundamental sobre alimentação e nutrição para identificação e definição de um circuito básico de informação e comunicação para a promoção da alimentação saudável.. 2004. (Simpósio).

38.
V Seminário de Direito Sanitário: Vigilância Sanitária e Qualidade de Vida.V Seminário de Direito Sanitário: Vigilância Sanitária e Qualidade de Vida. 2004. (Seminário).

39.
1ª Oficina de Planejamento Operacional do Projeto Quilombos-FIOCRUZ.Oficina de Planejamento Operacional do Projeto- Aspectos Nutricionais. 2003. (Oficina).

40.
Congresso Brasileira de Pós-Graduação em Saúde Coletiva. Anemia Nutricional em Escolas. 2003. (Congresso).

41.
Seminário para a Construção da Agenda Nacional de Prioridades de Pesquisa em Saúde.Construção da Agenda Nacional de Prioridades de Pesquisa em Saúde.. 2003. (Seminário).

42.
VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. Colóquio: Anemia Nutricional em Escolas. 2003. (Congresso).

43.
XIX ENPROP - Encontro Nacional de Pró-Reitores de pesquisa e Pós-Graduação das IES Brasileiras: A legitimidade social da pesquisa e pós-graduação nacionais.. 2003. (Encontro).

44.
V Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Oficina de Desenvolvimento da Olimpiada de Meio Ambiente e Saúde. 2002. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SILVA, D. O.; OLIVEIRA, B. T. ; SERRAO, S. A. ; CABRINI, D. . Semana Nacional de Ciencia e Tecnologia- Comer Brincando com a Fiocruz. 2016. (Exposição).

2.
SILVA, D. O.; Freitas, MC . Portas Abertas do Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. 2014. (Outro).

3.
SILVA, D. O.. I Simpósio de Alimentação, Cultura e Saúde. 2013. (Outro).

4.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. ; Freitas, MC . I Simpósio Nacional de Alimentação, Saúde e Cultura. 2007. (Outro).

5.
SILVA, D. O.. Reunião para Organização da Rede de Pesquisa sobre Alimentação e Cultura. 2007. (Outro).

6.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Conferência Antropólogia, Alimentação e Cultura. 2006. (Outro).

7.
GUERRERO, A. F. H. ; SILVA, D. O. ; TOLEDO, L. M. . Oficina de Planejamento Operacional do Projeto "Diagnóstico Situacional de Comunidades Quilombolas. 2003. (Outro).

8.
SILVA, D. O.. Grupo de Trabalho Nutrição e Saúde. 2003. (Outro).

9.
SANTOS, L. M. P. ; SILVA, D. O. . Colóquio Anemia Nutricional em Escolas. 2003. (Outro).

10.
SILVA, D. O.; BATISTA FILHO, M. ; SILVA, C. V. C. R. ; MORON, C. . VII Mesa Redonda Sobre Sistemas de Vigilância Alimentar e Nutricional da América Latina e Caribe. 1998. (Outro).

11.
SILVA, D. O.; NETTO, M. A. S. A. ; SERRAO, S. A. ; FATIMA, N. ; PORTILLO, F. L. . Seminário Nacional do Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional. 1997. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Andrey Roosewelt Chagas Lemos. A Politica Nacional de Saúde Integral da População Negra: uma análise sobre o eixo do acesso ao plano operativo do SUS. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Politicas Públicas em Saude) - Escola Fiocruz de Governo. (Orientador).

2.
Andrey Roosewelt Chagas Lemos. Uma análise da Implementação da Política Nacional de Saúde Integral da População Negra em 10 anos na cidade de Porto Alegre. Início: 2016. Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Políticas Públicas em Saúde/) - Coordenação Regional de Brasília da Fundação Oswaldo Cruz. (Orientador).

3.
Ana Maria Thomaz Maya Martins. O Guia Alimentar para a População Brasileira,por nutricionistas da Atenção Básica à Saúde.. Início: 2016. Dissertação (Mestrado profissional em Mestrado Profissional em Politicas Publicas de Saúde) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia. (Orientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
Ana Maria Segall Correa. Início: 2017. Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia.

Iniciação científica
1.
Lorrany Santos Rodrigues. Biografias alimentares de mulheres obesas de baixa renda no Brasil. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Nutrição) - Centro Universitário de Brasília. (Orientador).

2.
Nair Mota da Costa. Migração e comensalidade: a influencia das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares na capital do Brasil. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Nutrição) - Universidade Paulista. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
Mariana Badaró Pianissola. Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. Início: 2017. Orientação de outra natureza. Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. (Orientador).

2.
Bruna Pedroso Thomaz de Oliveira. Observatorio Brasileiro de Habitos Alimentares. Início: 2016. Orientação de outra natureza. Diretoria Regional de Brasília. (Orientador).

3.
Danielle Cabrini Mattos. Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. Início: 2016. Orientação de outra natureza. Universidade de Brasília. (Orientador).

4.
Erika Ell. Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. Início: 2016. Orientação de outra natureza. Ministério da Saúde. (Orientador).

5.
Simone Armond Serrão. Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. Início: 2015. Orientação de outra natureza. Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Andréia Santos Carvalho. O Gênero Feminino na promoção da Segurança Alimentar e Nutricional no Quilombo de Tijuaçu no município de Senhor do Bonfim/BA. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional en Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, . Orientador: Denise Oliveira.

2.
Maria Fernanda da Cuhna Rezende. O Intinerário terapêutico alimentar popular como estratégia de adesão ao tratamento de pacientes diabéticos em unidades de atenção primária à saúde pública no município de Araguari-MG. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional en Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, . Orientador: Denise Oliveira.

3.
Cassia Pereira das Chagas. Análise do fomento à pesquisa em Alimentação e Nutrição no Brasil entre 2004 e 2008. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Desenvolvimento e Políticas Públicas) - Fundação Oswaldo Cruz, . Orientador: Denise Oliveira.

4.
Simone Armond Serrão. A promoção da alimentação saudável na atenção básica à saúde do Distrito Federal: a importância e a adequação das fontes de informação na perspectiva dos profissionais de saúde. 2011. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília, . Orientador: Denise Oliveira.

5.
Vanessa Conceição Rocha Araújo de Menezes. Percepção dos usuários da atenção básica sobre alimentação e nutrição.. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, . Orientador: Denise Oliveira.

6.
KATHLEEN SOUSA OLIVERA. Barreiras para promoção da alimentação saudável enfrentadas pelos profissionais de saúde no Distrito Federal. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional en Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, . Orientador: Denise Oliveira.

7.
Kathleen Souza Oliveira. Barreiras para promoção da alimentação saudável enfrentadas pelos profissionais de saúde do Distrito Federal. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional en Saúde Pública) - Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães, . Orientador: Denise Oliveira.

8.
Valeria Fonseca Paiva. O Perfil Socio-Econômico do Bolsa Família no DF. 2007. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília, . Orientador: Denise Oliveira.

9.
Patricia Chaves Gentil. Escolhas Alimentares Saudáveis e Não Saudáveis: uma realidade do Distrito Federal. 2006. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília, . Orientador: Denise Oliveira.

10.
Patricia Martins Fernandez. Noções Conceituais e Práticas de Alimentação e Nutrição de Educadores de 1ª a 4ª Séries do DF. 2005. Dissertação (Mestrado em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília, . Orientador: Denise Oliveira.

11.
Valeria Paiva. Análise do Programa Bolsa Família no Distrito Federal. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília, . Orientador: Denise Oliveira.

Tese de doutorado
1.
Erika Ell. Concepções sobre práticas alimentares de agricultores ecológicos da região metropolitana de Curitiba: o caso do município de Rio Branco do Sul, Paraná, Brasil. 2007. Tese (Doutorado em Doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento) - Universidade Federal do Paraná, . Orientador: Denise Oliveira.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Daniela Sanches Frozi. 2015. Diretoria Regional de Brasília Fiocruz, . Denise Oliveira.

2.
Daniela Sanches Frozi. 2014. Diretoria Regional de Brasília Fiocruz, . Denise Oliveira.

3.
Maria Clara Camara. 2013. Diretoria Regional de Brasília Fiocruz, . Denise Oliveira.

4.
Daniela Sanches Frozi. 2012. Diretoria Regional de Brasília Fiocruz, . Denise Oliveira.

5.
Maria Clara Camara. Dinâmica das escolhas alimentares de famílias beneficiária do Programa Bolsa Família. 2012. FIOCRUZ-BRASILIA, . Denise Oliveira.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Lidiane Carvalho Cavalcante. Estimulo a criação de espaços de escuta na terapia nutricional por profissionais nutricionistas para pacientes com diabettes mellitus tiipo 2 internados no Hospital Regional do Paraoá. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

2.
Stella Lemke. Livro de Receitas: Traduções da comunidade- Preparo e partilha de refeições. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

3.
Ana Maria Thomaz Maya Martins. Oficinas motivadoras de reflexão para discussão e ressignificação da Rede de Equipamentos Públicos de Segurança Alimentar e Nutricional no Brasil. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia. Orientador: Denise Oliveira.

4.
Cintia Castro de Paula. Plano de comunicação do sistema nacional de segurança alimentar e nutricional para jovens e adolescentes.. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia. Orientador: Denise Oliveira.

5.
Lidiane Carvalho Cavalcante. Estimulo a criação de espaços de escuta e terapia nutricional realizada por profissionais nutricionistas para pacientes com diabetes mellitus tipo 2 internados no Hospital Regional do Paranoá. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Escola Fiocruz de Governo. Orientador: Denise Oliveira.

6.
Stella Lemke. Livro de Receitas: Tradições da comunidade- preparo e partilha de refeições. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Escola Fiocruz de Governo. Orientador: Denise Oliveira.

7.
Alice Alves de Souza. A análise do Projeto Educanvisa- A experiencia da Agencia Nacional de Vigilância Sanitária. 2013. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Vigilância Sanitária) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

8.
Fernanda Lopes Brito Garcia. A promoção do aleitamento materno e crianças com fenilcetonúria; revisão bibliografica. 2013. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Vigilância Sanitária) - Diretoria Regional de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

9.
Gustavo Tayar Peres. Análise do Decreto Lei 986/1969 no contexto da regulamentação atual de alimentos. 2013. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Vigilância Sanitária) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

10.
Aline Diniz Rodrigues Caldas. Diagnóstico da Situação Operacional do Programa Nacional de Controle de Deficiências de Vitamina A no Brasil a partir da década de 90.. 2003. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização Administração na Área SP) - Fundação Oswaldo Cruz. Orientador: Denise Oliveira.

11.
Valéria Fonseca Paiva. Marco Situacional de Renda Mínima do Governo Federal- Bolsa Alimentação. 2003. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização Administração na Área SP) - Fundação Oswaldo Cruz. Orientador: Denise Oliveira.

12.
Eveline Cunha Monteiro. A Participação Popular em Ações de Alimentação e Nutrição mediante ao Planejamento Participativo. 2000. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão de Projetos na Área de Alimentação) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Denise Oliveira.

13.
Fransuizi Lopes Portillo. Avaliação da Operacionalização da Coleta de Dados do SISVAN no DF - Regional de Taguatinga. 1997. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Saúde Coletiva) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

14.
Rita Melo Lagoa. Os Caminhos da Segurança Alimentar no Brasil. 1997. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Intervencoes Nutricionais em Saude Coletiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Denise Oliveira.

15.
Sonia Regina Schauffert Ferreira. Evolução do Pensamento das Políticas de Alimentação e Nutrição. 1996. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Intervencoes Nutricionais em Saude Coletiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Denise Oliveira.

16.
Lúcia Gomes Rodrigues. Obesidade Infantil em Crianças de Baixa Renda:Etiologia e Tratamento. 1994. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Nutrição Social) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Denise Oliveira.

Iniciação científica
1.
Rayane Nathaly Amaral da Silva. Biografias alimentares de mulheres obesas pobres no Brasil. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Saude Coletiva) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

2.
Cecilia Rocha Santos Quaresma. Biografias alimentares de mulheres obesas de baixa renda. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

3.
Carolina Baracuí Pereira. Biografias alimentares de mulheres obesas de baixa renda. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição) - Centro Universitário de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

4.
Euzanira da Silva Molina Barbosa. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda no Brasili. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

5.
Sara Pedrosa da Mata. Migração e comensalidade: a influencia das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares na capital do Brasil. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição) - Centro Universitário de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

6.
Marina Mamede Martins. Migração e comensalidade: a influencia das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares na capital do Brasili. 2017. Iniciação Científica - Centro Universitário de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

7.
Mayara Jacob Mendes. Migração e comensalidade: a influencia das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares na capital do Brasili. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Ambientais) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

8.
Gilca Dantas de Oliveira. Gilca Dantas de Oliveira. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Saude Coletiva) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

9.
Amanda Vieira dos Santos. Biografias alimentares de mulheres obesas pobres no Brasil. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

10.
Rayane Rodrigues Gonçalves. Biografias alimentares de mulheres obesas pobres no Brasil. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Saude Coletiva) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

11.
Luiza Roure de Aguiar Rodrigues. Autobiografias e biografias alimentares como estratégia de informação, comunicação e educação para a abordagem do excesso de peso em mulheres pobres no Brasil. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Programa de Iniciação Cientifica) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia. Orientador: Denise Oliveira.

12.
Caroline Cryslane Alves Guimarães. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda com excesso de peso. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

13.
Cybelle de Aquino Torres Alves. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda com excesso de peso. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Sociais) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

14.
Stéfane Cryslaine Alves Guimarães. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda com excesso de peso. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

15.
Patricia Borel de Souza. Migração, Comensalidade e Saúde. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Saude Coletiva) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

16.
Paula Gabriela Elias Chianca. Autobiografias e biografias alimentares de mulheres obesas de baixa renda no Brasil. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

17.
Alessandra Barreto da Silva. Percepções de profissionais de saúde do DF sobre Promoção a Alimentação Saudável. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

18.
Anne Caroline de Oliveira Silva. Percepções de profissionais de saúde do DF sobre promoção a alimentação saudável. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição) - Universidade Católica de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

19.
Caio Capela Ribeiro Santos. Concepções de profissionais de saúde sobre alimentação saudável. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Sociais) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

20.
Hugo Fernando Vale. Migração e Comensalidade: a influência das feiras populares na formação e tr. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Sociais) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

21.
Julia Lima Franco. Migração e Comensalidade: a influência das feiras populares na formação e tr. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

22.
Gabriela Almeida de Lima. Migração e Comensalidade: a influência das feiras populares na formação e tr. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

23.
Rafael Pereira Fernandes. Dinâmica da escolha alimentar familiar de mulheres beneficiárias do Programa BolsaFamília. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Sociais) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

24.
Carolina Bertanha Faraoni. Dinâmica da escolha alimentar familiar de mulheres beneficiárias do Programa Bolsa Família. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Sociais) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

25.
Anne Caroline de Oliveira Silva. Percepções de profissionais de saúde do DF sobre promoção a alimentação saudável. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição) - Universidade Católica de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

26.
Alessandra Barreto da Silva. Concepções de profissionais de saúde sobre alimentação saudável. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição Humana) - Diretoria Regional da Fundação Oswaldo Cruz de Brasíia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

27.
Brenda Valeria Almeida Contra. Conhecimentos, Atitudes e Práticas de Profissionais de Saúde da Atenção Básica do DF sobre Alimentação Saudável. 2001. Iniciação Científica. (Graduando em Nutrição Humana) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Denise Oliveira.

Orientações de outra natureza
1.
Marcos Júnior Santos de Alvarenga. Patrimonios materiais e imateriais de promoção a alimentação saudável e adequada de comunidades quilombolas no Brasil. 2017. Orientação de outra natureza. (Ciências Sociais) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

2.
Ursula Blass Semy. Biografias alimentares de mulheres obesas de baixa renda no Brasil. 2017. Orientação de outra natureza. (Nutrição Humana) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

3.
Thamyris de Sá Bento. Migração e comensalidade: a influencia das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares na capital do Brasili. 2017. Orientação de outra natureza. (Nutrição) - Faculdade Maurício de Nassau - Campina Grande. Orientador: Denise Oliveira.

4.
Patricia Borel de Souza. Migração, Habitos e Patrimonios Alimentares. 2016. Orientação de outra natureza - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

5.
Tereza Helena Gabrielli Barreto Campello. Desenvolvimento, inclusão social e intersetorialidade. 2016. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

6.
Aline Martins da Silva Barroca. Patrimonios Materiais e Imateriais de Promoção a Alimentação Saudável e Adequada de Comunidades Quilombolas no Brasil. 2015. Orientação de outra natureza. (Nutrição) - Universidade Federal da Paraíba. Orientador: Denise Oliveira.

7.
Nathalia Bandeiira Vilhalva Gheventer. Migração Comensalidade: a influencia das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares na capital do Brasil. 2015. Orientação de outra natureza. (Nutrição Humana) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

8.
Amanda Kelly Pereira da Silva. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda com excesso de peso. 2015. Orientação de outra natureza. (Saude Coletiva) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

9.
Layana Costa Alves. Patrimônio Materiais e Imateriais de Promoção a Alimentação Saudável e Adequada de Comunidades Quilombolas no Brasil. 2015. Orientação de outra natureza. (Ciências Sociais) - Ecole des Hautes Études en Sciences Sociales. Orientador: Denise Oliveira.

10.
Julia Selau Verdum. Patrimonios Materiais e Imateriais de Promoção a Alimentação Saudável e Adequada de Comunidades Quilombolas no Brasil. 2015. Orientação de outra natureza. (Abi - Geografia) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Denise Oliveira.

11.
Marcelo Peixoto Henrique. Patrimonios Materiais e Imateriais de Promoção a Alimentação Saudável e Adequada de Comunidades Quilombolas no Brasil. 2015. Orientação de outra natureza. (Abi - História) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

12.
Flavia Mara Henriques Gomes. Patrimonios Materiais e Imateriais de Promoção a Alimentação Saudável e Adequada de Comunidades Quilombolas no Brasil. 2015. Orientação de outra natureza. (Abi - Geografia) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

13.
Taysson Araújo Nobre. Migração Comensalidade: a influencia das feiras populares na formação e transmissão de hábitos alimentares na capital do Brasil. 2015. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

14.
Danielle Cabrini Mattos. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda com excesso de peso. 2015. Orientação de outra natureza. (Nutrição) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Denise Oliveira.

15.
Juliane Aparecida Alves. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda com excesso de peso. 2015. Orientação de outra natureza. (Saude Coletiva) - Universidade de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

16.
Tainá Rocha Santos. Biografias alimentares de mulheres de baixa renda com excesso de peso. 2015. Orientação de outra natureza. (Nutrição) - Universidade Católica de Brasília. Orientador: Denise Oliveira.

17.
Ana Maria Cavalcante de Lima. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Política Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

18.
Danielle Keilla Alencar Cruz. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

19.
Bruno Leonardo Ales de Andrade. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

20.
Gisele Ane Bortolini. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

21.
Lucinéa Moreli Machado. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

22.
Mariana Carvalho Pinheiro. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

23.
Karina Vitor de Sousa Guimarães. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

24.
Luciana Rodriguez Teixeira de Carvalho. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

25.
Lígia Teixeira Mendes de Azevedo. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

26.
Maria da Penha Ferrer de Francesco Campos. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

27.
Mariana Helcias Côrtes. Orientação, pedagógica para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

28.
Sarah Maria Nery Blamires Komka. Orientação pedagógica para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2014. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Escola de Governo em Saúde da Diretoria Regional de Brasília-FIocruz. Orientador: Denise Oliveira.

29.
Tiago de Aragão Silva. Etnografia visual sobre a dinâmica das escolhas alimentares de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. 2014. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

30.
Maria Raquel Passos Lima. Dinâmica das escolhas alimentares de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. 2014. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

31.
Liliane Duarte Rodrigues. Dinâmicas das escolhas alimentares de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. 2014. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

32.
Kouamé Nguessan Alexis. Analise da pesquisa sobre concepções de profissionais de saúde sobre a promoção da alimentação saudável no Distrito Federal. 2014. Orientação de outra natureza. (Pesquisador autônomo) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

33.
Tiago de Aragão SIlva. Etnografia visual sobre a dinâmica das escolhas alimentares de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. 2013. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

34.
Maria Raquel Passos Lima. Dinâmicas das escolhas alimentares da famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. 2013. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

35.
Liliane Duarte Rodrigues. Dinâmica das escolhas alimentares de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família. 2013. Orientação de outra natureza - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

36.
Karina Vitor de Sousa Guimarães. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

37.
Bruno Leonardo Alves de Andrade. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

38.
Danielle Keilla Alencar Cruz. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

39.
Maria da Penha Ferrer de Francesco Campos. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

40.
Lígia Teixeira Mendes de Azevedo. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

41.
Luciana Rodriguez Teixeira da Carvalho. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

42.
Gisele Ane Bortoline. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

43.
Lucinéa Moreli Machado. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

44.
Mariana Carvalho Pinheiro. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

45.
Ana Maria Cavalcante de Lima. Tutoria descentralizada para o desenvolvimento do curso de Especialização em Gestão da Politica Nacional de Alimentação e Nutrição. 2013. Orientação de outra natureza. (Gestão da Política Nac. de Alimentação e Nutrição) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.

46.
Alessandra Page Brito. Horário de Ingestão Alimentar no Brasil segundo a Pesquisa de Orçamento Familiar. 2013. Orientação de outra natureza. (Pesquisador autônomo) - Diretoria Regional de Brasília Fiocruz. Orientador: Denise Oliveira.



Inovação



Produto tecnológico
1.
SILVA, D. O. ; FROZI, D. S. ; CABRINI, D. ; SERRAO, S. A. ; OLIVEIRA, B. T. ; PIANISSOLLA, M. B. . Observatorio Brasileiro de Hábitos Alimentares. 2010.

2.
SILVA, D. O.; CAVALCANTE, D. B. . Video planejamento em alimentação e nutrição. 2012.


Projetos de pesquisa

Projeto de desenvolvimento tecnológico


Educação e Popularização de C & T



Desenvolvimento de material didático ou instrucional
1.
OLIVEIRA E SILVA, DENISE . Abordagem de planejamento participativo e abrangente. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - vídeo educacional).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 14/11/2018 às 12:10:29