Marlon de Souza Silva

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4567815385232070
  • Última atualização do currículo em 05/05/2018


Possui graduação em bacharelado em Química pela Universidade Federal do Amazonas (1992), mestrado em Química Analítica-Inorgânica pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1997) e doutorado em Química Inorgânica pela Universidade Federal de Santa Catarina (2006). Atualmente é professor adjunto IV da Universidade Federal do Amazonas. Tem experiência nas áreas de Química Bioinorgânica e Química de Coordenação que envolvem processos de síntese de complexos de metais de transição, como modelos biomiméticos e complexos com aplicações tecnológicas. Além da síntese de ligantes e de seus respectivos complexos na modelagem sintética, é de interesse da equipe conhecer a reatividade dos modelos totalmente caracterizados, em processos principalmente de hidrólise envolvendo substratos derivados de peptídeos, ésteres de fosfatos, proteínas e DNA. Esta certamente se constitui numa das etapas mais importantes dentro de uma perspectiva interdisciplinar, pois além de validar os modelos, podem auxiliar na seleção dos novos complexos com propriedades de hidrolases sintéticas, radiotraçadores e antitumorais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Marlon de Souza Silva
Nome em citações bibliográficas
SILVA, M. S.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Amazonas, Instituto de Ciências Exatas, Departamento de Química.
Av. Rodrigo Otávio Jordão Ramos,3000
Japiim
69077000 - Manaus, AM - Brasil
Telefone: (92) 6441510
URL da Homepage: http://www.ufam.edu.br


Formação acadêmica/titulação


2002 - 2006
Doutorado em Química.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Estudos em solução (Reconhecimento molecular) entre complexos homobinucleares e moléculas de interesse biológico, Ano de obtenção: 2006.
Orientador: Bruno Szpoganicz.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Reconhecimento molecular; Peptídeos; Potenciometria.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Inorgânica / Especialidade: Campos de Coordenação.
Setores de atividade: Outros; Pesquisa e desenvolvimento científico.
1995 - 1997
Mestrado em Química.
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Título: Relação entre os teores de elementos traço e as propriedades terapêuticas de algumas plantas da região Amazônica,Ano de Obtenção: 1997.
Orientador: Judith Felcman.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Plantas medicinais elementos traço correlações.
1988 - 1992
Graduação em Bacharelado Em Química.
Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.




Atuação Profissional



Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: PROFESSOR ADJUNTO IV, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: CHEFE DO DEPARTAMENTO DE QUÍMICA, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: COORDENADOR DOS CURSOS DE GRADUAÇÃO - QUÍMICA, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1997 - 2006
Vínculo: , Enquadramento Funcional: PROFESSOR ASSISTENTE IV, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1993 - 1997
Vínculo: , Enquadramento Funcional: PROFESSOR AUXILIAR IV, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

3/2000 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Ciências Exatas, Departamento de Química.

3/2000 - Atual
Ensino,

Disciplinas ministradas
Química Inorgânica E
Química Inorgânica Experimental
3/2000 - Atual
Extensão universitária , Instituto de Ciências Exatas, Departamento de Química.

Atividade de extensão realizada
Ministração da disciplina Química Geral I em Humaitá.
3/2000 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Instituto de Ciências Exatas, Instituto de Ciências Exatas.

Atividade realizada
Professor auxiliar na Central Analitica.
8/1999 - 2/2000
Treinamentos ministrados , Instituto de Ciências Exatas, Departamento de Química.

Treinamentos ministrados
Curso de atualização de professores de segundo grau da rede estadual e municipal de ensino


Linhas de pesquisa


1.
ESTUDOS DE COMPLEXOS METÁLICOS EM SOLUÇÃO AQUOSA

Objetivo: Estudar eu solução a interação de íons metálicos complexados e não complexados com moléculas de interesse biológico. Sintetizar e estudar em solução complexos metálicos de relevânica bioinorgânica..
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Inorgânica / Especialidade: Química Bio-Inorgânica.
Palavras-chave: equilíbrio em solução; Bioinorgânica; Complexos metálicos; Potenciometria.


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
QUÍMICA BIOMIMÉTICA: COMPLEXOS MACROCÍCLICOS DINUCLEARES
Descrição: O continuo interesse na química de complexos metálicos que utilizam ligantes poliazamacrocíclicos é devido a sua habilidade e vantagem de atuarem como modelos de enzimas (nucleases), eles são capazes de se poliprotonarem em solução, formando cátions poliamônio que podem se ligar seletivamente a uma variedade de espécies inorgânicas, orgânicas e ânions biologicamente importantes e, por causa da sua relação com sistemas catalíticos, biomiméticos e, pelas aplicações desses tipos de agentes quelantes na biologia e medicina. Utilizando tais características, o presente projeto tem por objetivo a síntese de ligantes macrocíclicos e, a partir destes complexos dinucleares de Zn, Cu e Fe. São metas da equipe sintetizar, caracterizar ligantes, complexos e fazer testes de reatividade desses compostos em solução; através da Espectroscopia no infravermelho ? IV, Espectroscopia de Ressonância Magnética Nuclear de Hidrogênio RMN 1H, potenciometria, espectroscopia de absorção ultravioleta/visível, espectrometria de massas, técnicas eletroquímicas (voltametria cíclica e voltametria de onda quadrada) e eletroforese (clivagem do DNA). A técnica de potenciometria é muito empregada para estudos de medidas de equilíbrio de complexos metálicos em solução e utiliza o software BEST7 para o cálculo das constantes. Após a etapa de caracterizações serão feitos testes de clivagem de DNA plasmidial utilizando estes complexos como agentes de clivagem..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Marlon de Souza Silva - Coordenador / Bruno Szpoganicz - Integrante / Marcus Valério Botelho do Nascimento - Integrante.
2012 - Atual
INTERAÇÃO DE SUBSTÂNCIAS HÚMICAS COM ÍONS METÁLICOS
Descrição: Substâncias húmicas (SH) são os componentes majoritários do carbono orgânico em águas, solos e sedimentos. Elas consistem de uma mistura polidispersas de macromoléculas com diferentes grupos funcionais e são responsáveis por inúmeros processos físicos, químicos e geoquímicos nestes ambientes. Um dos aspectos mais estudados sobre as SH é a sua habilidade para interagir com íons metálicos para formar complexos de diferentes estabilidades. Isto se deve ao alto teor de grupos funcionais (principalmente carboxílicos e fenólicos) encontrado nestas estruturas. SH são produzidas pela decomposição oxidativa de moléculas orgânicas complexas como; carboidratos, proteínas, ligninas, lignanas e ácidos graxos. Elas são encontradas no solo e na água e, são o maior componente da parte terrestre (matéria orgânica do solo) e da parte aquática (matéria orgânica dissolvida. As substâncias húmicas são, normalmente, divididas em três categorias; ácido húmico ( insolúvel em pH menor que 2, mas solúvel em pH mais alto), ácido fúlvico (solúvel em solução aquosa em toda faixa de pH) e húmina ( insolúvel em solução aquosa em toda faixa de pH). A diferença de solubilidade exibida pelas substâncias húmicas é uma característica muito útil no momento da separação desse material. Classificação das Substâncias húmicas e importância para o planeta SH (substâncias húmicas), HUMUS = cor escura. Atuam como ?estufa natural? para sementes, evitam erosão do solo, atuam como agentes tamponantes, etc. Ácidos fúlvicos, cor amarelo a marrom claro, fração de baixa massa molar, solúvel em qualquer pH). Huminas, cor preta, insolúveis em qualquer pH. A presente proposta visa à extração das substâncias húmicas de água (Rio Negro) e de sedimento, com o objetivo de estudar a interação das substâncias húmicas com íons metálicos, com uma atenção especial ao íon metálico mercúrio (II), empregando as técnicas de análise elementar, infravermelho e técnicas químicas (química ácido-base)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Marlon de Souza Silva - Coordenador / Ligia Lira de Freitas - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal do Amazonas - Bolsa.
2012 - Atual
ÁCIDOS FÚLVICOS: COMPLEXANTES METÁLICOS NATURAIS
Descrição: A matéria orgânica (MO) encontrada no solo, sedimentos e águas naturais é de uma mistura de compostos em diferentes estágios de decomposição, resultantes da degradação biológica de resíduos animais e vegetais bem com da atividade sintética de microorganismos. Essa massa trás incorporada uma variedade imensa de micro-organismos, que para sobreviverem, decompõe-na, retirando da mesma, energia e elementos que são necessários tanto à sua formação e sobrevivência, quanto a sua multiplicação. E são precisamente a MO e sua constante de decomposição, que imprimem aos sistemas naturais, características químicas e biológicas de extrema importância para a vida. A MO pode ser dividida em dois grupos fundamentais. O primeiro é constituído pelos produtos de decomposição dos resíduos orgânicos e do metabolismo microbiano, como proteínas e aminoácidos, carboidratos, ácidos graxos e outros . Estas substâncias são denominadas substâncias não húmicas. O segundo grupo é representado pelas substâncias húmicas (SH). Essas substâncias são os componentes majoritários do carbono orgânico em águas, solos e sedimentos. Elas consistem de uma mistura polidispersas de macromoléculas com diferentes grupos funcionais e são responsáveis por inúmeros processos físicos, químicos e geoquímicos nestes ambientes. Um dos aspectos mais estudados sobre as SH é a sua habilidade para interagir com íons metálicos para formar complexos de diferentes estabilidades. Isto se deve ao alto teor de grupos funcionais (principalmente carboxílicos e fenólicos) encontrado nestas estruturas. As substâncias húmicas são, normalmente, divididas em três categorias; ácido húmico ( insolúvel em pH menor que 2, mas solúvel em pH mais alto), ácido fúlvico (solúvel em solução aquosa em toda faixa de pH) e húmina ( insolúvel em solução aquosa em toda faixa de pH). A diferença de solubilidade exibida pelas substâncias húmicas é uma característica muito útil no momento da separação desse material. Entre as substâncias húmicas, os.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Marlon de Souza Silva - Coordenador / Daniel Farias dos Santos - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal do Amazonas - Bolsa.


Projetos de extensão


2018 - Atual
UFAM DE PORTAS ABERTAS: Uma visão Química
Descrição: UFAM DE PORTAS ABERTAS: Uma visão Química é um projeto de apresentação e de visitação, por estudantes de escolas públicas do estado, a toda a estrutura que sustenta os cursos de Química da UFAM; alunos do ensino médio visitarão salas de aula, laboratórios, bibliotecas, central analítica e toda a infraestrutura referentes aos cursos de licenciatura e bacharelado em Química. Nessas visitas serão repassados aos estudantes os Princípios Básicos de Segurança no Laboratório e Sistema de Gerenciamento de resíduos químicos, uma vez que a utilização das técnicas de segurança no laboratório é de extrema importância para evitar acidentes, tanto na escola como em empresas, industrias, ou laboratórios que pesquisem, testam ou manuseiam produtos químicos. O principal resultado esperado é despertar nesses alunos a necessidade de continuar os estudos e ter a Universidade pública como seu principal agente de transformação e desenvolvimento pessoal e profissional..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Marlon de Souza Silva - Coordenador / Kreicielle Guedes Schitz - Integrante / Juliana da Costa Mauricio - Integrante / Jhonathan dos Santos Guido - Integrante / Ismael dos Santos Lima Neves - Integrante / Raquel Caroline Maciel Gomes - Integrante / SARA JHULIAN MONTEIRO - Integrante.
2017 - 2017
UFAM DE PORTAS ABERTAS:UMA VISÃO QUÍMICA
Descrição: Ufam de portas abertas: Uma visão Química é um projeto de apresentação e de visitação, por estudantes de escolas públicas do estado, a toda a estrutura que sustenta os cursos de Química da UFAM; alunos do ensino médio visitarão salas de aula, laboratórios, bibliotecas, central analítica e toda a infraestrutura referentes aos cursos de licenciatura e bacharelado em Química. Nessas visitas serão repassados aos estudantes os Princípios Básicos de Segurança no Laboratório e Sistema de Gerenciamento de resíduos químicos, uma vez que a utilização das técnicas de segurança no laboratório é de extrema importância para evitar acidentes, tanto na escola como em empresas, industrias, ou laboratórios que pesquisem, testam ou manuseiam produtos químicos. O principal resultado esperado é despertar nesses alunos a necessidade de continuar os estudos e ter a Universidade pública como seu principal agente de transformação e desenvolvimento pessoal e profissional..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Marlon de Souza Silva - Coordenador / Kreicielle Guedes Schitz - Integrante / Juliana da Costa Mauricio - Integrante / Jhonathan dos Santos Guido - Integrante.
2013 - 2013
UFAM DE PORTAS ABERTAS: UMA VISÃO QUÍMICA
Descrição: Ufam de Poetas Abertas: Uma visão Química é um projeto de apresentação e de visitação, por estudantes do ensino médio, de toda a estrutura que sustenta os cursos de Química da UFAM; alunos do ensino médio visitarão salas de aula, laboratórios, biblioteca, central analítica e toda a infraestrutura referentes ao cursos de licenciatura e bacharelado em Química. Nessas visitas serão repassados aos estudantes os Princípios Básicos de Segurança no Laboratório, uma vez que a utilização das técnicas de segurança no laboratório é de extrema importância para evitar acidentes, tanto na escola como em empresas, industrias, ou laboratórios que pesquisem, testam ou manuseiam produtos químicos, assim como Noções Básicas do Sistema de Gerenciamento de resíduos químicos, ou seja, ao final de cada experimento, o aluno deverá verificar quais os resíduos gerados e qual o destino adequado..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Marlon de Souza Silva - Coordenador / Francisco Emiliano de Moraes Neto - Integrante / Jocilândia de Brito Venâncio - Integrante / George Nogueira de Oliveira - Integrante / Ingrity Suellen. Costa Sá - Integrante.
2012 - 2012
PRÉ-LABORATÓRIO: AGREGANDO VALOR NA FORMAÇÃO DO ESTUDANTE DE QUÍMICA
Descrição: O Projeto Pré-Laboratório e um projeto de criação e elaboração de material didático (livro-apostila) a ser utilizado por toda a comunidade acadêmica, ou seja, pelos estudantes de graduação do primeiro ano de todos os cursos das ciências exatas, que tem na sua grade curricular a disciplina Química Geral Experimental. No período de criação, elaboração e comprovação (testes) dos experimentos a serem realizados, serão convidados alunos do ensino médio de escolas da rede estadual de ensino para participação de aulas experimentais expositivas de Química Geral Experimental, visando uma maior integração, pelo estudante, dos conhecimentos teóricos e práticos estudados no ensino médio e graduação. Concomitantemente a elaboração do livro de práticas de Química Geral serão repassados aos extensionistas os Princípios Básicos de Segurança no Laboratório, uma vez que a utilização das técnicas de segurança no laboratório é de extrema importância para evitar acidentes, tanto na escola como em empresas, industrias, ou laboratórios que pesquisem, testam ou manuseiam produtos químicos, assim como Noções Básicas do Sistema de Gerenciamento de resíduos químicos, ou seja, ao final de cada experimento, o aluno deverá verificar quais os resíduos gerados e qual o destino adequado..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Marlon de Souza Silva - Coordenador / Francisco Emiliano de Moraes Neto - Integrante / Ingrity S. Costa Sá - Integrante / Jocilândia de Brito Venâncio - Integrante / George Nogueira de Oliveira - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal do Amazonas - Auxílio financeiro.


Revisor de periódico


2016 - Atual
Periódico: Scientia Amazonia


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Inorgânica/Especialidade: Química Bio-Inorgânica.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Química Inorgânica/Especialidade: Campos de Coordenação.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2007
Moção de Aplauso, Assembléia Lesgislativa do estado do Amazonas.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SANTANA, G. P.2013SANTANA, G. P. ; SILVA, M. S. ; JESUS, J. A. . Evasão dos discentes de química da Universidade Federal do Amazonas. Scientia Amazonia, v. 2, p. 28-39, 2013.

2.
PARRILHA, G. L.2008PARRILHA, G. L. ; Christiane Fernandes ; Adailton J. Bortoluzzi ; Bruno Szpoganicz ; SILVA, M. S. ; Claus T. Pich ; Hernan Terenzi ; Adolfo Horn Jr . A new ?-oxo di-iron complex with suitable features to mimic metallohydrolase activity: X-ray molecular structure, aqua solution behavior and nuclease activity of the complex [Fe(HPClNOL)(SO4)]2-?-oxo. Inorganic Chemistry Communications, v. 11, p. 643-647, 2008.

3.
Alexandre Cuin2007 Alexandre Cuin ; Antonio C. Massabni ; Clarice Q.F. Leite ; Dayse N.Sato ; Ademir Neves ; Bruno Szpoganicz ; Marlon S.Silva ; Adailton J. Bortoluzzi ; SILVA, M. S. . SYNTHESIS, X-RAY STRUCTURE AND ANTIMICOBACTERIAL ACTIVITY OF SILVER MANDELATE. Journal of Inorganic Biochemistry, v. 101, p. 291-296, 2007.

4.
Adolfo Horn Jr2006 Adolfo Horn Jr ; Luciana Fim ; Adailton J. Bortoluzzi ; Bruno Szpoganicz ; Marlon de S. Silva ; Miguel A. Novak ; Mario Benassi Neto ; Lívia Schiavinato Eberlin ; Rodrigo Ramos Catharino ; Marcos Nogueira Eberlin ; Christiane Fernandes ; SILVA, M. S. . Solid state and solution characterization of a new dinuclear nickel (II) complex: The search for synthetic models to urease. Journal of Molecular Structure, v. 797, p. 154-164, 2006.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, M. S.; Bruno Szpoganicz ; Fabio da Silva Miranda . Estudos dos equilíbrios de formação dos complexos ternários: Caracterizações e Aplicações. In: 34ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2011, Florianopólis. 34ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2011.

2.
SILVA, M. S.; Bruno Szpoganicz ; Francielly R. Cesconeto ; Thiago de Souza . Estudos dos equilíbrios de formação dos complexos ternários formados entre o BDBPH e o sistema Zn(II)- dipeptídeos. Hidrólise da glicilglicina.. In: 29ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2006, Águas de Lindóia. 29ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2006.

3.
Adolfo Horn Jr ; Christiane Fernandes ; Adailton J. Bortoluzzi ; Bruno Szpoganicz ; SILVA, M. S. ; PARRILHA, G. L. ; Claus T. Pich ; Hernan Terenzi . DNA Cleavage Activity of Homodinuclear Iron Complex. In: 13th Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry, 2006, Fortaleza. XIII BMIC, 2006.

4.
SILVA, M. S.; Ana Cristina Franzoi ; Francielly R. Cesconeto ; Bruno Szpoganicz . Molecular recognition of peptides - Hydrolysis of glycylglycine by copper(II) and zinc(II) complexes. In: 13th Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry, 2006, Fortaleza. XIII BMIC, 2006.

5.
CUBAS, A. L. ; Zippert, M. G. ; Bruno Szpoganicz ; SILVA, M. S. ; Franco, C. V. . The Study of Chemical Equilibrium of Naphtenic Acid Derived From Petroleum through Potentiometry Techniques. In: 13th Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry, 2006, Fortaleza. XIII BMIC, 2006.

6.
SILVA, M. S.; Fabio da Silva Miranda ; Bruno Szpoganicz ; Norberto Sanches Gonçalves . Equilíbrio em solução aquosa do complexo de Al(III) com o ânion croconato (C5O5)2-. Uma abordagem supramolecular. In: 28ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2005, Poços de Caldas. 28ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2005.

7.
Francielly R. Cesconeto ; Thiago de Souza ; SILVA, M. S. ; Bruno Szpoganicz . Estudos dos equilíbrios de formação de complexos ternários formados entre o BDBPH, Fe(III) e ATP: Reconhecimento molecular.. In: XIII Encontro de Química da Região Sul, 2005, Florianopólis. 13-SBQSul, 2005.

8.
SILVA, M. S.; Ana Cristina Franzoi ; Cláudia M. Zaccaron ; Bruno Szpoganicz . Equilibrium Studies of the Reactions of 4-Methoxy-1,2-Phenylenediamine with Dinuclear BMXD-Cu(II). In: 12th Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry, 2004, São Carlos-SP. XII BMIC, 2004.

9.
Fabio da Silva Miranda ; Norberto Sanches Gonçalves ; SILVA, M. S. ; Bruno Szpoganicz ; Adriano Martendal ; César Zucco . Kinetics of iron(III) reaction with croconate ion in aqueos solution and B3LYP calculations. In: 12th Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry, 2004, São Carlos-SP. XII BMIC, 2004.

10.
Fabio da Silva Miranda ; Norberto Sanches Gonçalves ; SILVA, M. S. ; Bruno Szpoganicz . Equilibrium in aqueous solutions of aluminium (III) with croconate. In: 12th Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry, 2004, São Carlos-SP. XII BMIC, 2004.

11.
SILVA, M. S.; Erineu Schwingel ; Bruno Szpoganicz ; Melissa P. V. da Silveira ; Renata Cavellucci ; Ana Paula N. Gomes . Modelo de especiação da alcalinidade da água do mar. In: XIII Encontro de Química da Região Sul, 2003, Pelotas-RS. XIII Encontro de Química da Região Sul, 2003.

12.
SILVA, M. S.. Determinação de microelementos em plantas medicinais. In: Congresso da Sociedade Brasileira de Química, 1997, Poços de Caldas, 1997.

Apresentações de Trabalho
1.
SILVA, M. S.; Bruno Szpoganicz ; Fabio da Silva Miranda . Interactions of dipeptides with dinuclear complexes containing macrocyclic ligands. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
Bruno Szpoganicz ; Fabio da Silva Miranda ; SILVA, M. S. . Estudos dos equilíbrios de formação dos complexos ternários: caracterizações e aplicações. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
SILVA, M. S.; Bruno Szpoganicz ; Francielly R. Cesconeto ; Thiago de Souza . 29ª Reunião Anual Sociedade Brasileira de Química. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
SILVA, M. S.; Ana Cristina Franzoi ; Francielly R. Cesconeto ; Bruno Szpoganicz . XIII Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
Adolfo Horn Jr ; Christiane Fernandes ; Adailton J. Bortoluzzi ; Bruno Szpoganicz ; SILVA, M. S. ; Larissa G. Parrilha ; Claus T. Pich ; Hernan Terenzi . XIII Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
CUBAS, A. L. ; Zippert, M. G. ; Bruno Szpoganicz ; SILVA, M. S. ; Franco, C. V. . XIII Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
Marlon de S. Silva ; Fabio da Silva Miranda ; Norberto Sanches Gonçalves ; Bruno Szpoganicz ; SILVA, M. S. . 28ª Reunião Anual Sociedade Brasileira de Química. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
Francielly R. Cesconeto ; Thiago de Souza ; SILVA, M. S. ; Bruno Szpoganicz . XIII Encontro de Química da Região Sul. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
Marlon S.Silva ; Ana Cristina Franzoi ; Cláudia M. Zaccaron ; Bruno Szpoganicz ; SILVA, M. S. . XII Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
Fabio da Silva Miranda ; Norberto Sanches Gonçalves ; Marlon de S. Silva ; Bruno Szpoganicz ; Adriano Martendal ; César Zucco ; SILVA, M. S. . XII Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
Fabio da Silva Miranda ; Norberto Sanches Gonçalves ; SILVA, M. S. ; Bruno Szpoganicz . XII Brazilian Meeting on Inorganic Chemistry. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
Erineu Schwingel ; Bruno Szpoganicz ; Melissa P. V. da Silveira ; Renata Cavellucci ; Ana Paula N. Gomes ; Marlon de S. Silva ; SILVA, M. S. . XI Encontro de Química da Região Sul. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
SILVA, M. S.. II Olimpíada Amazonense de Química. 2000.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Adriano Martendal; Bruno Szpoganicz; Norberto Sanches Gonçalves; Gustavo A. Micke; SILVA, M. S.. Participação em banca de Juliano Vicente. Síntese, caracterização e atividade antimicrobiana in vitro de complexos formados apartir de metais da primeira série de transição com o ligante 5,6-dioxima-1,10-fenantrolina. 2008. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
SILVA, M. S.; SANTANA, G. P.; SILVA, C. L.. Participação em banca de Marcondes Silva e Silva. Estudo da distribuição de fosfato nos igarapés de Manaus. 2007. Dissertação (Mestrado em Química) - Universidade Federal do Amazonas.

Teses de doutorado
1.
SILVA, M. S.; SANTANA, G. P.; SOUZA, R. H.; MILLIOTI, C. A.; FILGUEIRAS, S. J.. Participação em banca de Marcondes Silva e Silva. Propriedades Físico-Químicas de Caulinita com diferentes tamanhos de partículas. 2013. Tese (Doutorado em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

2.
BARROS, I. C. L.; NUNOMURA, S. M.; ROCHA FILHO, G. N.; SILVA, M. S.; CHAAR, J. S.. Participação em banca de Orivaldo da Silva Lacerda Junior. Avaliação do Potencial da Borra Ácida de Óleo Palma para Obtenção de Biocombustível Alternativo. 2013. Tese (Doutorado em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

3.
SANTANA, G. P.; SERUDO, R. L.; CHAAR, J. S.; SILVA, M. S.; CHAUDHURI, P.. Participação em banca de Wamber Broni de Souza. Estudo teórico de Mercúrio(II) com grupos carboxílicos de substâncias húmicas. 2013. Tese (Doutorado em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

4.
SANTANA, G. P.; SILVA, M. S.; CHAAR, J. S.; SARGENTINI JUNIOR, E.. Participação em banca de José Felício da Silva. Propecção de plantas fitorremediadoras em solos cantaminados por metais pesados. 2012. Tese (Doutorado em Programa Multi-institucional de Pós-graduação em Biotecnologia) - Universidade Federal do Amazonas.

Qualificações de Doutorado
1.
CHAAR, J. S.; SARGENTINI JUNIOR, E.; SILVA, M. S.. Participação em banca de Erasmo Sérgio Ferreira Pessoa Junior. Estudo Químico de terra preta do índio do Amazonas. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

2.
SILVA, M. S.. Participação em banca de Marcondes Silva e Silva. Adsorção de Íons Fosfato em Caulinita. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de pós graduação em Química) - Universidade Federal do Amazonas.

3.
SANTANA, G. P.; SILVA, M. S.; SARGENTINI JUNIOR, E.. Participação em banca de Wamber Broni de Souza. Estudo teórico e experimental do mercúrio simulando as condições da região amazônica: o caso da interação do Hg com os ácidos húmicos e fúlvicos. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

4.
SILVA, M. S.. Participação em banca de Orivaldo da Silva Lacerda Junior. Avaliação do Potencial da Borra Ácida de Óleo Palma para Obtenção de Biocombustível Alternativo. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de pós graduação em Química) - Universidade Federal do Amazonas.

5.
SILVA, M. S.; PASSOS, R. R.. Participação em banca de Vera Lucia da Silva Marinho. Minimização do efeito crossover de metanol na reação de redução de oxigenio em células a combustivel. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

6.
SILVA, M. S.; BARROS, I. C. L.; COUCEIRO, P. R. C.. Participação em banca de Vera Lúcia Imbiriba Matos. Hidrólise e degradação catalítica de resíduos poliméricos e PET. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

Qualificações de Mestrado
1.
SILVA, M. S.. Participação em banca de Renata Duarte Lima. Análise de naftoquinonas, lignanas e atividade biológica em extratos de cascas de Tabebuia incana A.H. Gentry e Tabebuia serratifolia (Vahl) G. Nicholson. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

2.
BARROS, I. C. L.; CHAAR, J. S.; SILVA, M. S.. Participação em banca de João Vitor Silva de Loureiro. Estudo Potenciométrico da complexão dos ácidos fúlvicos e húmicos de espodossolo amazônico como os íons de Hg(II). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

3.
SILVA, M. S.; SANTANA, G. P.. Participação em banca de Radamés Gonçalves de Lemos. Incorporação de resíduos galvânicos, uma alternativa para a construção civil. 2008. Exame de qualificação (Mestrando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Fernado C. Giacomelli; Almir Spinelli; SILVA, M. S.. Participação em banca de Fernando Carlos Giacomelli.Corrosão em fios de NiTi e validação do uso de fios de platina como pseudo-eletrodo de referência. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado em Química) - Universidade Federal de Santa Catarina.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
BRAGA, N. A.; SILVA, M. S.; SOUZA, R. H.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2016. Universidade Federal do Amazonas.

2.
SILVA, M. S.; FROTA, C. A.; GIACON, V. M.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2015. Universidade Federal do Amazonas.

3.
SILVA, M. S.; FARIAS, S. A.; MACHADO, M. B.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2015. Universidade Federal do Amazonas.

4.
ROSAS, L. V.; SILVA, M. S.; COUCEIRO, P. R. C.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2013. Universidade Federal do Amazonas.

5.
SILVA, M. S.; OLIVEIRA, K. M. T.; SOUZA, R. H.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2013. Universidade Federal do Amazonas.

6.
COUCEIRO, P. R. C.; PASSOS, R. R.; SILVA, M. S.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2011. Universidade Federal do Amazonas.

7.
CHAAR, S. M.; GARCIA, G.; SILVA, M. S.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2011. Universidade Federal do Amazonas.

8.
BARROS, I. C. L.; SILVA, M. S.; BASTOS, A. M. B.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2010. Universidade Federal do Amazonas.

9.
SILVA, M. S.; BARROS, I. C. L.; BASTOS, A. M. B.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2009. Universidade Federal do Amazonas.

10.
PASSOS, R. R.; COUCEIRO, P. R. C.; SILVA, M. S.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2009. Universidade Federal do Amazonas.

11.
BARROS, I. C. L.; SILVA, M. S.; BASTOS, A. M. B.. CONCURSO PARA MAGISTÉRIO SUPERIOR DA UFAM. 2008. Universidade Federal do Amazonas.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
34ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química. Estudos dos equilíbrios de formação dos complexos ternários: caracterizações e aplicações. 2011. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SILVA, M. S.; BRAGA, N. A. . II WORKSHOP DE QUÍMICA INORGÂNICA DA UFAM - PAREC 057/2016 - DPROEXT. 2016. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Iniciação científica
1.
Bianca Melo Da Silva Gaspar. QUÍMICA CEREBRAL - ESTUDO DA INTERAÇÃO DE COMPLEXOS DE COBRE (II) COM DIPEPTÍDEOS. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas. Orientador: Marlon de Souza Silva.

2.
Alcimar Ribeiro de Abreu. ESTUDOS POTENCIOMÉTRICOS DA INTERAÇÃO DE COMPLEXOS DE ZINCO (II) COM DIPEPTÍDEOS. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas. Orientador: Marlon de Souza Silva.

3.
Marcus Valério Botelho do Nascimento. COMPLEXOS MACROCÍCLICOS DINUCLEARES: CLIVAGEM DO DNA. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marlon de Souza Silva.

4.
Yuri Gabriel Gomes Figueiredo. ESTUDOS POTENCIOMÉTRICOS: BEST7 UMA FERRAMENTA ÚTIL PARA O CÁLCULO DE CONSTANTES DE EQUILÍBRIO. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marlon de Souza Silva.

5.
Marcus Valério Botelho do Nascimento. COMPLEXOS MACROCÍCLICOS DINUCLEARES: CLIVAGEM DO DNA. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marlon de Souza Silva.

6.
Marcus Valério Botelho do Nascimento. COMPLEXOS MACROCICLOS DE RELEVÂNCIA BIOINORGÂNICA: SÍNTESE E CARACTERIZAÇÃO. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Marlon de Souza Silva.

7.
Daniel Farias dos Santos. ANÁLISE DE EMISSÃO DE GASES DO EFEITO ESTUFA. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Química) - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marlon de Souza Silva.

8.
Jucilene Lopes Aguiar Serrão Pereira. ADSORÇÃO DE AZUL DE METILENO E BISFENOL A EM CCA MODIFICADA COM NIÓBIO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Marlon de Souza Silva.

9.
Jocilândia de Brito Venâncio. ESTUDO DA ESTABILIDADE E RECICLO DO CATALISADOR DE HPW SUPORTADO EM BIOSSÍLICA NA REAÇÃO DE ESTERIFICAÇÃO DO ÁCIDO OLEICO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas. Orientador: Marlon de Souza Silva.

10.
Francisco Emiliano De Moraes Neto. BIODIESEL DO RESIDUO GORDUROSO DE CUPUAÇU UTILIZANDO ÓXIDO DE ZIRCÔNIO SULFATADO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Marlon de Souza Silva.

11.
Ligia Lira de Freitas. INTERAÇÃO DE SUBSTÂNCIAS HÚMICAS COM ÍONS METÁLICOS. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Química) - Universidade Federal do Amazonas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marlon de Souza Silva.

12.
Daniel Farias dos Santos. ÁCIDOS FÚLVICOS: COMPLEXANTES METÁLICOS NATURAIS. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em QUIMICA) - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marlon de Souza Silva.

13.
Adelcilane dos Santos Miranda. DETERMINAÇÃO DE MICROELEMENTOS EM PLANTAS MEDICINAIS ANTIDIABÉTICAS. 2000. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado Em Química) - Universidade Federal do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marlon de Souza Silva.



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
SANTANA, G. P.2013SANTANA, G. P. ; SILVA, M. S. ; JESUS, J. A. . Evasão dos discentes de química da Universidade Federal do Amazonas. Scientia Amazonia, v. 2, p. 28-39, 2013.


Apresentações de Trabalho
1.
SILVA, M. S.; Bruno Szpoganicz ; Fabio da Silva Miranda . Interactions of dipeptides with dinuclear complexes containing macrocyclic ligands. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/10/2018 às 2:38:49