Verlaine Freitas

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8054342158614782
  • Última atualização do currículo em 07/10/2018


Possui graduação (1994), mestrado (1996) e doutorado (2001) em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais; fez estágio de Pós-doutorado na University of Windsor, Canadá (2011). Atualmente é Professor Titular da UFMG e pesquisador do CNPq. É autor do livro "Adorno e a arte contemporânea", além de organizador de outras obras sobre estética. Traduziu textos de autores alemães e de língua inglesa. O trabalho de tradução mais relevante é a coletânea "Escritos de psicologia social e psicanálise", com textos de Theodor Adorno. Trabalha principalmente os temas: estética, psicanálise e cultura de massa, abordando as obras de Immanuel Kant, Friedrich Nietzsche, Sigmund Freud e Theodor Adorno. É autor do blog Refrações (verlainefreitas.blogspot.com). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Verlaine Freitas
Nome em citações bibliográficas
FREITAS, Verlaine

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Minas Gerais, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.
Av. Antônio Carlos, 6627
Pampulha
30710180 - Belo Horizonte, MG - Brasil
Telefone: (31) 34995025
URL da Homepage: http://www.verlaine.pro.br


Formação acadêmica/titulação


1996 - 2001
Doutorado em Filosofia.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Para uma dialética da alteridade. A constituição mimética do sujeito, da razão e do tempo em Th. Adorno, Ano de obtenção: 2001.
Orientador: Rodrigo Antônio de Paiva Duarte.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Th Adorno; Dialética do esclarecimento; Racionalidade; Estética; Sublime; Teoria estética.
Grande área: Ciências Humanas
1994 - 1996
Mestrado em Filosofia.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Unidade instável: o conceito de forma na Teoria estética" de Th. Adorno,Ano de Obtenção: 1996.
Orientador: Rodrigo Antônio de Paiva Duarte.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Theodor Adorno; Estética; Forma; Conteúdo; Kant.
Grande área: Ciências Humanas
1990 - 1994
Graduação em Filosofia.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.


Pós-doutorado


2011
Pós-Doutorado.
University of Windsor, UW, Canadá.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Atuação Profissional



Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2003 - 2009
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2017 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
10/2004 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Cetea, Pró Reitoria de Pesquisa.

Cargo ou função
Membro de comissão permanente.
12/2003 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Estética clássica: A Crítica da Faculdade do Juízo de Kant
Tópicos em filosofia da arte: Estética e psicanálise. Uma leitura filosófica do conceito de sublimação
Tópicos em filosofia da arte: Estética e psicanálise. Uma leitura filosófica do conceito de sublimação - 2o. módulo
12/2003 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de Filosofia Contemporânea: A Teoria Estética de Adorno
Introdução à Crítica da Faculdade do Juízo
Estética
Tópicos em filosofia da arte: Adorno e a indústria cultural
História da Filosofia. Filosofia moderna: Kant e o idealismo alemão
Introdução à filosofia: ética
03/2009 - 12/2010
Direção e administração, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Colegiado do Curso de Graduação de Filosofia.

Cargo ou função
Coodenador do Colegiado.
03/2007 - 02/2009
Direção e administração, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Colegiado do Curso de Graduação de Filosofia.

Cargo ou função
Coordenador de Colegiado.

Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2003
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1996 - 1997
Vínculo: Contrato temporário, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 40

Atividades

3/2003 - 12/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Ifac, Ifac.

Cargo ou função
Coordenador de Pós-Graduação.
2/2001 - 12/2003
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ética I
Estética
Filosofia Geral
Filosofia da ciência


Projetos de pesquisa


2009 - Atual
Adorno e a psicanálise
Descrição: Nosso objetivo é investigar o modo como Theodor Adorno se apropriou filosoficamente de conceitos, hipóteses e temas psicanalíticos, mas também os analisou de forma crítica ao longo de sua obra. Na primeira parte de nossa investigação, queremos enfocar a presença de conceitos freudianos na "Dialética do Esclarecimento", obra escrita em conjunto por Adorno e Horkheimer. Faremos uma análise não apenas do Excurso I, "Ulisses, ou mito e esclarecimento", em que a influência da psicanálise é evidente, mas também em outras partes, como no primeiro capítulo "Conceito de esclarecimento", em que abordaremos o conceito de "Angst" (angústia/medo) como princípio motor da racionalização ocidental. Merece destaque também a maciça utilização de conceitos psicanalíticos no capítulo "Elementos de antissemitismo. Limites do esclarecimento". Na segunda parte da pesquisa, focalizaremos a análise crítico-filosófica da psicanálise por Adorno em outros textos, em que conceitos freudianos são o tema principal, tal como ?Die revidierte Psychoanalyse? (?Psicanálise revisitada?), ?Freudian Theory and the Pattern of Fascist Propaganda?, bem como as ?Minima Moralia. Reflexões a partir da vida danificada?. Nessa etapa, merece destaque a abordagem do primeiro item do terceiro capítulo da ?Dialética negativa?, ?Liberdade. Para metacrítica da razão prática?, em que Adorno faz uma análise comparativa entre a teoria moral de Kant e a psicanálise..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2009
Juízo de gosto e mímesis. Uma interpretação da estética de Kant
Descrição: Nosso contato com a estética de Kant vem desde a confecção de nossa dissertação de mestrado, defendida em 1996. Resultou no primeiro capítulo desse texto (sobre o conceito de forma estética), em alguns artigos e capítulos de livros e na primeira parte do último capítulo (sobre o sublime) da nossa tese de doutorado. A partir de nossos estudos sobre a psicanálise, a partir de 2001, nossa pesquisa tem se concentrado nas relações entre a estética e temas psicanalíticos, confluindo na tentativa de delinear um conceito filosófico de sublimação. Nessa trajetória, vemos que quatro autores são de especial relevância: Kant, Schopenhauer, Nietzsche e Adorno. A presente pesquisa almeja recolher os resultados de nossos estudos anteriores, quando então fazíamos um diálogo em entre Kant e Adorno, encaminhando a reflexão a partir do horizonte delineado pela teoria psicanalítica. Nesse sentido, nossa proposta é fazer um estudo sistemático de todos os temas da estética kantiana, a fim de fornecer não apenas uma apresentação rigorosa de seus conceitos, mas também uma interpretação crítica, abordando os pontos relevantes de acordo com a tradição de comentários, e avançando rumo a uma apropriação mais livre, que proponha uma espécie de prolongamento da reflexão kantiana fundada na perspectiva psicanalítica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Verlaine Freitas - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 10
2004 - Atual
Estética e Psicanálise: uma leitura filosófica do conceito de sublimação
Descrição: O objetivo da pesquisa é de fornecer um conceito de sublimação a partir da convergência de concepções da experiência estética por parte da filosofia e das noções ligadas à constituição do aparelho psíquico, tal como a psicanálise a concebe. Este conceito possui uma peculiaridade que o torna especialmente difícil de equacionar. Provém originalmente da teoria psicanalítica, mas também desperta o interesse de diversas correntes filosóficas, por ser estudado principalmente nas questões relativas à arte. A literatura psicanalítica é pródiga de referências ao caráter precário deste conceito, que, não tendo recebido um tratamento aprofundado por Freud, acabou continuando sem uma abordagem por assim dizer satisfatória por seus seguidores. A filosofia, por outro lado, dedica-se muito mais às questões sobre o que constitui a experiência estética, do que a vinculação desta ao fenômeno psíquico. A tese que pretendemos demonstrar que é de que a sublimação é um conceito limite entre o filosófico e o psicanalítico e qualquer abordagem que não leve a sério essa dupla raiz não terá sucesso. Como as ramificações da teoria psicanalítica são bastante numerosas, privilegiamos o ponto de vista de Jean Laplanche, que se sedimentou em sua teoria da sedução generalizada. No âmbito filosófico, cremos que os quatro principais autores são Kant, Schopenhauer, Nietzsche e Adorno, dos quais procuramos extrair conceitos para fornecer uma concepção abrangente do fenômeno da sublimação..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Verlaine Freitas - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 44 / Número de orientações: 6
2002 - 2004
A negatividade estética como crítica da subjetividade segundo Theodor Adorno
Descrição: O objetivo mais geral de nossa pesquisa é o de estudar o pensamento estético de Theodor adorno, principalmente a sua última obra, Teoria estética, procurando desenvolver o conceito de uma dialética negativa da arte moderna, cujo sentido principal consiste no exercício continuado da crítica dos elementos formadores da subjetividade tal como esta se desenvolveu no ocidente e, principalmente, consolidou-se no capitalismo tardio. Seguindo a tradição da dialética alemã, que considerava, já em Kant, o fenômeno estético como situado de modo especial em relação aos usos da racionalidade cognitiva, técnica e moral, Adorno também procura perceber a racionalidade estética como diferenciando-se da racionalidade reificada. Entretanto, ao contrário de Kant, por exemplo, a racionalidade da arte não seria de uma espécie diferente desta outra, mas a sua conseqüência radical. Isso quer dizer que o processo de constituição da identidade do objeto (a obra de arte) em relação ao sujeito não se submete ao esquema conceitual que este possui. Segundo Adorno, a experiência com arte moderna é de tal maneira enigmática, que nos constrange a buscar um sentido para aquilo que percebemos na obra, sem que consigamos estabelecer um conjunto de elementos conceituais suficientes para explicar tal experiência. Esse esforço subjetivo para compreender o sentido das obras seria testemunho da necessidade imposta ao sujeito de ele abandonar a posição de centro copernicano ao redor do qual o objeto giraria. A arte moderna é, para Adorno, essencialmente negativa, ou seja, crítica. Muito do trabalho filosófico de interpretação da arte moderna consistirá, então, em perceber como a arte, apesar de toda a sua negatividade, em princípio sem sentido, configura-se como possuindo um sentido muito mais substancial e humano do que a ânsia capitalista de gerar cada vez mais valores, principalmente financeiros..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Verlaine Freitas - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 18


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Estética.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicanálise.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Alemão
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2003
Talentos da maturidade, Banco Real.
1991
Bolsa para estudo da língua alemã em Berlin, Goethe Institut.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
FREITAS, Verlaine2017 FREITAS, Verlaine. Kafka: A opacidade semântica do mundo. Um comentário de 'Anotações sobre Kafka', de Theodor Adorno. Artefilosofia, v. 23, p. 123-146, 2017.

2.
FREITAS, Verlaine2017FREITAS, Verlaine. Fetichismo e regressão musicais em Theodor Adorno. PENSANDO: REVISTA DE FILOSOFIA (UFPI), v. 8, p. 80-106, 2017.

3.
FREITAS, Verlaine2016FREITAS, Verlaine. A regressão totêmica pré-trágica em o remorso de baltazhar serapião. Viso : Cadernos de Estética Aplicada, v. 19, p. 217-225, 2016.

4.
FREITAS, Verlaine2015FREITAS, Verlaine. A objetividade negativa do artefato estético. Adorno e os paradoxos da arte como figuração de um sujeito emancipado. Comunicações (UNIMEP), v. 22, p. 9-20, 2015.

5.
FREITAS, Verlaine2014FREITAS, Verlaine. Schiller e a insuficiência constitutiva do ingênuo. Viso : Cadernos de Estética Aplicada, v. 15, p. 1-5, 2014.

6.
FREITAS, Verlaine2014FREITAS, Verlaine. Saber, abstração e poder na Dialética do esclarecimento: um comentário crítico. Veritas (Porto Alegre. Impresso), v. 59, p. 20-45, 2014.

7.
FREITAS, Verlaine2014FREITAS, Verlaine. A CONSTRUÇÃO DA EXPERIÊNCIA ESTÉTICA EM TEMPOS DA GLOBALIZAÇÃO DA SOCIEDADE. Constelaciones: Revista de Teoria Crítica, v. 6, p. 405-413, 2014.

8.
FREITAS, Verlaine2013FREITAS, Verlaine. A arte moderna como historicamente-sublime Um comentário sobre o conceito de sublime na Teoria estética de Th. Adorno. Kriterion (UFMG. Impresso), v. LIV, p. 157-156, 2013.

9.
FREITAS, Verlaine2013FREITAS, Verlaine. O problema do meio técnico em Benjamin e Adorno. Impulso (Piracicaba), v. 23, p. 49-60, 2013.

10.
FREITAS, Verlaine2012FREITAS, Verlaine. Mas que seja infinito. Zunái: Revista de Poesia & Debates, v. VII, p. 1-1, 2012.

11.
FREITAS, Verlaine2012FREITAS, Verlaine. Particular e universal na poesia lírica ? Um comentário crítico do texto ?Sobre lírica e sociedade?, de Theodor Adorno. Literatura e Autoritarismo (UFSM), v. 1, p. 4-15, 2012.

12.
FREITAS, Verlaine2012FREITAS, Verlaine. A torção mimética do real. Sobre a concepção freudiana da literatura.. Pandaemonium Germanicum (Online), v. 15, p. 118-134, 2012.

13.
FREITAS, Verlaine2012FREITAS, Verlaine. O formalismo naturalista de Hutcheson. Viso : Cadernos de Estética Aplicada, v. VI, p. 1-6, 2012.

14.
FREITAS, Verlaine2012FREITAS, Verlaine. Mau gosto em primeira pessoa. Um diálogo com Nietzsche e Adorno. Artefilosofia (UFOP), v. 1, p. 106-123, 2012.

15.
FREITAS, Verlaine2010FREITAS, Verlaine. Adorno e HorkHeimer leitores de Freud. Remate de Males, v. 30.1, p. 123-146, 2010.

16.
FREITAS, Verlaine2005FREITAS, Verlaine. Indústria cultural. O empobrecimento narcísico da subjetividade. Kriterion, Belo Horizonte, v. XLVI, n.112, p. 332-344, 2005.

17.
FREITAS, Verlaine2004FREITAS, Verlaine. Theoria Aesthetica de Theodor Adorno. Revista Portuguesa de Filosofia, Braga, v. 60, n.1, p. 253-255, 2004.

18.
FREITAS, Verlaine2004FREITAS, Verlaine. Resenha de Teoria Crítica da Indústria Cultural, Rodrigo Duarte. Kriterion, Belo Horizonte, v. XLV, n.109, p. 191-198, 2004.

19.
FREITAS, Verlaine2004FREITAS, Verlaine. A Filosofia e o exercício do pensamento. UNIMONTES Científica, Montes Claros, v. 6, n.1, p. 11-14, 2004.

20.
FREITAS, Verlaine2003FREITAS, Verlaine. A subjetividade estética em Kant: da apreciação da beleza ao gênio artístico. Veritas (Porto Alegre), Porto Alegre, v. 48, n.2, p. 253-276, 2003.

21.
FREITAS, Verlaine2003FREITAS, Verlaine. Ecologia: uma questão histórico-filosófica. Cronos (Pedro Leopoldo), Pedro Leopoldo, v. 8, 2003.

22.
FREITAS, Verlaine2003FREITAS, Verlaine. A estética narcísica da sociedade de consumo. Educação e Filosofia, Uberlândia, v. 17, n.34, p. 51-64, 2003.

23.
FREITAS, Verlaine2002FREITAS, Verlaine. Cotidiano e cultura de massa. Cronos (Pedro Leopoldo), Belo Horizonte, v. 5, p. 119-130, 2002.

24.
FREITAS, Verlaine1999FREITAS, Verlaine. Subjetividade esclarecida: do mito como racionalização à ciência como mitologia. Caderno de Filosofia e Ciências Humanas, Belo Horizonte, v. 12, p. 52-58, 1999.

25.
FREITAS, Verlaine1999FREITAS, Verlaine. A importância pedagógica da filosofia. Comunicações (Piracicaba), Piracicaba, v. 2, p. 150-160, 1999.

26.
FREITAS, Verlaine1998FREITAS, Verlaine. A necessidade da filosofia. Caderno de Filosofia e Ciências Humanas, Belo Horizonte, v. 11, p. 14-32, 1998.

27.
FREITAS, Verlaine1997FREITAS, Verlaine. Para uma interpretação do Outono de Hölderlin. Caderno de Filosofia e Ciências Humanas, Belo Horizonte, v. 8, p. 91-96, 1997.

28.
FREITAS, Verlaine1994FREITAS, Verlaine. Resenha de Nietzsche e a Música, de Rosa Maria Dias. Kriterion, Belo Horizonte, v. XXXV, n.90, p. 121-126, 1994.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
FREITAS, Verlaine; COSTA, R. (Org.) ; FERREIRA, D. P. (Org.) . O trágico, o sublime e a melancolia. Vol. 1. 1. ed. Belo Horizonte: Relicário, 2016. v. 4. 300p .

2.
FREITAS, Verlaine; COSTA, R. (Org.) ; FERREIRA, D. P. (Org.) . O trágico, o sublime e a melancolia. Vol. 2. 1. ed. Belo Horizonte: Relicário, 2016. v. 4. 288p .

3.
FREITAS, Verlaine; COSTA, R. (Org.) ; FERREIRA, D. P. (Org.) . O trágico, o sublime e a melancolia. Vol. 3. 1. ed. Belo Horizonte: ABRE - Associação Brasileira de Estética, 2016. v. 4. 287p .

4.
FREITAS, Verlaine; COSTA, R. (Org.) ; FERREIRA, D. P. (Org.) . O trágico, o sublime e a melancolia. Vol. 4. 1. ed. Belo Horizonte: ABRE - Associação Brasileira de Estética, 2016. v. 4. 111p .

5.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo (Org.) ; CECCHINATO, Giorgia (Org.) ; SILVA, C. V. (Org.) . Gosto, interpretação e crítica. Volume 2. 1. ed. Belo Horizonte: ABRE, 2015. v. 2. 336p .

6.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo (Org.) ; CECCHINATO, Giorgia (Org.) ; SILVA, C. V. (Org.) . Gosto, interpretação e crítica. 1. ed. Belo Horizonte: Relicário, 2014. v. 1. 243p .

7.
KANGUSSU, Imaculada Maria G. (Org.) ; FREITAS, Verlaine (Org.) ; DUARTE, Rodrigo A P (Org.) ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo (Org.) ; MACEDO, Iracema (Org.) . Herbert Marcuse: Dimensão Estética. Homenagem aos 50 anos de Eros e Civilização. Belo Horizonte: ABRE. Associação Brasileira de Estética, 2007.

8.
FREITAS, Verlaine. Adorno e a arte contemporânea. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2003. 72p .

9.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva (Org.) ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo (Org.) ; KANGUSSU, Imaculada Maria G. (Org.) . Kátharsis. Reflexos de um conceito estético. 1. ed. Belo Horizonte: Com Arte, 2002. 336p .

Capítulos de livros publicados
1.
FREITAS, Verlaine. Os impasses da democracia em uma sociedade atomizada. In: Marta Nunes da Costa. (Org.). Os impasses da democracia em uma sociedade atomizada. 1ed.São Paulo: Liberars, 2018, v. 1, p. 95-103.

2.
FREITAS, Verlaine. O novo, o absurdo e o sublime. In: Verlaine Freitas; Rachel Costa; Debora Pazetto Ferreira. (Org.). O trágico, o sublime e a melancolia. Vol. 1. 1ed.Belo Horizonte: Relicário, 2016, v. 1, p. 137-146.

3.
FREITAS, Verlaine. Justiça, poder e individualidade: 'Édipo-rei', de Sófocles, e o 'Íon', de Eurípedes. In: Fábio Belo. (Org.). Ion, de Euripides: Interpretacoes Psicanaliticas. 1ed.Rio de Janeiro: KBR, 2016, v. 1, p. 172-186.

4.
FREITAS, Verlaine. Expressividade e articulação formal na música de Schoenberg, segundo Theodor Adorno. In: Lia Tomás. (Org.). Fronteiras da música: filosofia, estética, história & política. 1ed.São Paulo: ANPPOM Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música, 2016, v. 1, p. 9-21.

5.
FREITAS, Verlaine. Metacrítica do poder disciplinar. Sexualidade e psicanálise em "A vontade de saber" de Michel Foucault. In: Vânia Maria Lescano Guerra; Edgar Cézar Nolasco. (Org.). Michel Foucault. Entre o passado e o presente, 30 anos de (des)locamento. 1ed.Campinas: Pontes, 2015, v. 1, p. 75-98.

6.
FREITAS, Verlaine. Dialética histórica da cultura. Um comentário crítico ao texto Teoria da semiformação, de Theodor Adorno. In: CHAVES, J. de C. ; BITTAR, M.; GEBRIM, V. S.. (Org.). Escritos de Psicologia, Educação e Cultura II. 1ed.Campinas: Mercado das Letras, 2015, v. 1, p. 97-117.

7.
FREITAS, Verlaine. O ingênuo na epopeia: Schiller, Nietzsche e Adonro. In: Ricardo Timm de Souza; Norman Roland Madaasz; Ana Lisboa de Mello. (Org.). Literatura e Filosofia. Encontros contemporâneos. 1ed.Porto Alegre: Gradiva Editorial, 2015, v. 1, p. 203-214.

8.
FREITAS, Verlaine. Imagem, símbolo e arte. In: Alice Serra; Rodrigo Duarte; Romero Freitas. (Org.). Imagem, imaginação, fantasia. 1ed.Belo Horizonte: Relicário, 2014, v. , p. 207-218.

9.
FREITAS, Verlaine. A implicação necessariamente subjetiva do juízo de gosto. In: Verlaine Freitas; Rodrigo Duarte; Giorgia Cecchinato; Cíntia Vieira da Silva. (Org.). Gosto, interpretação e crítica. 1ed.Belo Horizonte: Relicário, 2014, v. 1, p. 217-228.

10.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo ; CECCHINATO, Giorgia ; SILVA, C. V. . Apresentação. In: Verlaine Freitas; Rodrigo Duarte; Giorgia Cecchinato; Cíntia Vieira da Silva. (Org.). Gosto, interpretação e crítica. 1ed.Belo Horizonte: Relicário, 2014, v. 1, p. 7-12.

11.
FREITAS, Verlaine. Sublimação e pornografia na Dialéctica do esclarecimento: um comentário crítico. In: Marta Nunes da Costa. (Org.). Teoria Crítica Revisitada. 1ed.Vila Nova de Famalicão: Húmus, 2014, v. 1, p. 91-112.

12.
FREITAS, Verlaine. O interesse mimético da imaginação na Crítica da faculdade do juízo. In: Rodrigo Duarte; Romero Alves Freitas. (Org.). Deslocamentos na arte. Belo Horizonte: Associação Brasileira de Estética, 2011, v. , p. 451-460.

13.
FREITAS, Verlaine. O código social da obsolescência: um estudo de A sociedade de consumo, de Jean Baudrillard. In: Pimenta, Solange M.; Corrêa, Maria L.; Dadalto, Maria Cristina; Veloso, Henrique M.. (Org.). Sociedade e consumo. Múltiplas dimensões na contemporaneidade. Curitiba: Juruá, 2010, v. , p. 79-94.

14.
FREITAS, Verlaine. Sobre a mímesis na constituição psíquica. In: Simanke, Richard Th.; Menéndez, Ada J. G.; Caropreso, Fátima; Barbelli, Izabel; Bocchi, Josiane C.. (Org.). Filosofia da psicanálise. Autores, diálogos, problemas. São Carlos: EdUFSCAR, 2010, v. , p. 111-122.

15.
FREITAS, Verlaine. Adorno. In: Rossano Pecoraro. (Org.). Os filósofos. Clássicos da filosofia.. Petrópolis: Vozes, 2009, v. III, p. 81-102.

16.
FREITAS, Verlaine. Tertium non datur: a dicotomia espírito/natureza na moral esclarecida em em sua crítica. In: Márcia Tiburi; Rodrigo Duarte. (Org.). Seis leituras sobre a Dialética do esclarecimento. Ijuí: Unijuí, 2009, v. , p. 43-68.

17.
FREITAS, Verlaine. Sublimação: à ruptura da inércia mimética do desejo. In: Duarte, Rodrigo; Kangussu, Imaculada. (Org.). Estéticas do Deslocamento. Belo Horizonte: ABRE - Associação Brasileira de Estética, 2008, v. , p. 1-1.

18.
FREITAS, Verlaine. Cinema e violência: uma análise de Laranja Mecânica, Dogville e Cidade de Deus. In: Luiz Alberto Oliveira Gonçalves; Sandra Pereira Tosta. (Org.). A síndrome do medo contemporâneo e a violência na escola. Belo Horizonte: Autêntica, 2008, v. , p. 221-252.

19.
FREITAS, Verlaine. O dissonante e o demoníaco. A insuficiência do negativo na teoria erótica e estética de Marcuse. In: Kangussu, Imaulada; Duarte, Rodrigo; Freitas, Verlaine; Figueiredo, Virginia; Macedo, Iracema. (Org.). Herbert Marcuse: Dimensão Estética. Homenagem aos 50 anos de Eros e Civilização. Belo Horizonte: ABRE. Associação Brasileira de Estética, 2007, v. , p. 1-9.

20.
FREITAS, Verlaine. Alteridade e transcendência: a dialética da arte moderna em Theodor Adorno. In: Rodrigo Duarte; Imaculada Kangussu; Virginia Figueiredo. (Org.). Theoria Aesthetica. Porto Alegre: Escritos, 2005, v. , p. 45-56.

21.
FREITAS, Verlaine. A ironia de Schlegel e A confissão de Lúcio de Mário de Sá-Carneiro. In: Ricardo Timm de Souza; Rodrigo Duarte. (Org.). Filosofia e Literatura. 1ed.Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004, v. 1, p. 95-108.

22.
FREITAS, Verlaine. Matrix: a administração da catarse na cultura de massa a partir de Adorno. In: Rodrigo A. P. Duarte; Imaculada Maria Kangussu; Virginia A. Figueiredo; Verlaine Freitas. (Org.). Kátharsis. Reflexos de um conceito estético. 1ed.Belo Horizonte: Com Arte, 2002, v. , p. 274-280.

23.
FREITAS, Verlaine. A imanência do devir: a historicidade da arte na Teoria Estética de Th. Adorno. In: Rodrigo A. P. Duarte; Virginia A. Figueiredo. (Org.). As Luzes da Arte. 1ed.Belo Horizonte: Opera Prima, 1999, v. , p. 327-338.

24.
FREITAS, Verlaine. A beleza como símbolo da moralidade na Crítica da Faculdade do Juízo de Kant. In: Rodrigo A. P. Duarte; Virginia A. Figueiredo. (Org.). Belo, Sublime e Kant. 1ed.Belo Horizonte: Editora UFMG, 1998, v. , p. 90-100.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FREITAS, Verlaine. Uma tragédia futurista. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 6 - 6, 22 out. 2017.

2.
FREITAS, Verlaine. Arte, sexo e linguagem. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 1, 22 set. 2017.

3.
FREITAS, Verlaine. Sublime contradição. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 1 - 1, 09 out. 2015.

4.
FREITAS, Verlaine. Massa e utopia. Cult (São Paulo), São Paulo, p. 41 - 43, 06 out. 2012.

5.
FREITAS, Verlaine. Mergulho no abismo. Estado de Minas. Caderno Pensar, Belo Horizonte, p. 1 - 1, 22 dez. 2007.

6.
FREITAS, Verlaine. A opacidade do real. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 3 - 3, 24 nov. 2007.

7.
FREITAS, Verlaine. Estética deslocada. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 3 - 3, 12 maio 2007.

8.
FREITAS, Verlaine. O direito à vida. Estado de Minas. Caderno Pensar, Belo Horizonte, p. 6 - 6, 22 jul. 2006.

9.
FREITAS, Verlaine. Na terceira pessoa. Estado de Minas. Caderno Pensar, Belo Horizonte, p. 6, 18 mar. 2006.

10.
FREITAS, Verlaine. Poética das motivações. Estado de Minas. Caderno Pensar, Belo Horizonte, p. 6 - 6, 11 fev. 2006.

11.
FREITAS, Verlaine. A expectativa do trágico. Estado de Minas. Caderno Pensar, Belo Horizonte, p. 4 - 4, 24 dez. 2005.

12.
FREITAS, Verlaine. Obstinação pelo infinito. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 1 - 1, 22 jan. 2005.

13.
FREITAS, Verlaine. Prazer e ilusão. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 5, 29 ago. 2004.

14.
FREITAS, Verlaine. Duas faces do heroísmo. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 6 - 6, 30 maio 2004.

15.
FREITAS, Verlaine. A metafísica do cotidiano. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 5, 22 nov. 2003.

16.
FREITAS, Verlaine. Consistência e estatura. Estado de Minas, Belo Horizonte, 16 ago. 2003.

17.
FREITAS, Verlaine. Nova força para os messianismos. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 4, 04 jun. 2003.

18.
FREITAS, Verlaine. Estética e vida cotidiana. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 6, 19 abr. 2003.

19.
FREITAS, Verlaine. Catarse, narcisismo e cultura de massa.. Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 1 - 1, 14 abr. 2001.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
FREITAS, Verlaine. Gosto como crítica. A implicação necessariamente subjetiva do juízo de gosto. In: Gosto, Interpretação e Crítica, 2013, Belo Horizonte. 11º Congresso Internacional de Estética ? Brasil. Gosto, Interpretação e Crítica. Belo Horizonte: ABRE - Associação Brasileira de Estética, 2013. v. 1. p. 50-50.

2.
FREITAS, Verlaine. Traduzindo conceitos. Importância e problemas da dimensão teórica na tradução de textos de Freud. In: V Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise, 2013, São Paulo. V Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise, 2013. v. 1. p. 56-56.

3.
FREITAS, Verlaine. Forma estética e alteridade na Crítica da Faculdade do Juízo. In: XIV Encontro Nacional da ANPOF, 2010, Águas de Lindóia. XIV Encontro Nacional da ANPOF. Campinas: Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia, 2010. p. 554-555.

4.
FREITAS, Verlaine. A censura inconsciente como inércia mimética do desejo. In: II Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise, 2007, São Carlos. II Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise. Sào Carlos: Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise, 2007. v. 1. p. 39-39.

5.
FREITAS, Verlaine. Prazer sublimado: o deslocamento caleidoscópico da imaginação. In: Estéticas do deslocamento, 2007, Belo Horizonte. Estéticas do deslocamento. Belo Horizonte: ABRE. Associação Brasileira de Estética, 2007. p. 49-50.

6.
FREITAS, Verlaine. A contradição inadmissível. Uma crítica ao conceito de belo natural como cifra da reconciliação em Adorno.. In: III Encontro do GT Estética da ANPOF: Arte e natureza, 2006, Angra dos Reis. III Encontro do GT Estética da ANPOF: Arte e natureza, 2006. p. 11-12.

7.
FREITAS, Verlaine. Mímesis e sublimaçao. Pontos de ruptura e continuidade. In: XII Encontro Nacional de Filosofia da Anpof, 2006, Salvador. XII Encontro Nacional de Filosofia da Anpof Livro de Atas. Campinas: Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia, 2006. p. 545-545.

8.
FREITAS, Verlaine. O dissonante e o demoníaco: a insuficiência do negativo na teoria erótica e estética de Marcuse. In: Dimensão estética. Homenagem aos 50 anos de publicação de Eros e Civilização de Herbert Marcuse, 2005, Belo Horizonte. Dimensão estética., 2005. p. 13-14.

9.
FREITAS, Verlaine. Fantasia e genialidade: a imaginação artística em Kant e Adorno. In: XI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2004, Salvador. XI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Salvador: Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia, 2004. v. 1. p. 451-451.

10.
FREITAS, Verlaine. A Teoria estética e a crítica da subjetividade. In: Congresso Internacional Theoria Aesthetica, 2003, Belo Horizonte. Congresso Internacional Theoria Aesthetica. Belo Horizonte, 2003. p. 35-35.

11.
FREITAS, Verlaine. A apropriação do trágico pela indústria cultural. In: ANPOF X Encontro Nacional de Filosofia, 2002, São Paulo. Anpof. Atas do X Encontro Nacional de Filosofia. Campinas: Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia, 2002. p. 55-55.

12.
FREITAS, Verlaine. Matrix: a administração da catarse na industria cultural a partir de Adorno. In: Kátharsis, 2001, Belo Horizonte. Kátharsis. Belo Horizonte, 2001. p. 32-33.

13.
FREITAS, Verlaine. Mímesis: a assimilação imagética do mundo. In: Mímesis e expressão, 1999, Belo Horizonte. Mímesis e expressão. Belo Horizonte, 1999. p. 37-37.

14.
FREITAS, Verlaine. A imanência do devir. In: As Luzes da arte, 1997, Belo Horizonte. As Luzes da Arte. Belo Horizonte, 1999. p. 8-8.

15.
FREITAS, Verlaine. A beleza como símbolo da moralidade na Crítica da Faculdade do Juízo de Kant. In: Belo, Sublime e Kant, 1995, Belo Horizonte. Belo, Sublime e Kant. Belo Horizonte, 1997. p. 12-12.

Apresentações de Trabalho
1.
FREITAS, Verlaine. Narcisismo e esvaziamento da política: duas faces da cultura de massa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
FREITAS, Verlaine. Os impasses da democracia em uma sociedade atomizada. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
FREITAS, Verlaine. Kant e a arte moderna. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
FREITAS, Verlaine. Três momentos da apropriação da psicanálise por Adorno. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
FREITAS, Verlaine. Justiça, poder e individualidade: 'Édipo-rei', de Sófocles, e o 'Íon', de Eurípedes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
FREITAS, Verlaine. Expressividade e articulação formal na música de Schönberg, segundo Theodor Adorno. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
FREITAS, Verlaine. O novo, o absurdo e o sublime. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
FREITAS, Verlaine. Dialética histórica da cultura. Um comentário crítico ao texto Teoria da semiformação, de Theodor Adorno. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
FREITAS, Verlaine. Sublimação e pornografia na Dialética do esclarecimento: um comentário crítico. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
FREITAS, Verlaine. O meio não é a mensagem. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
FREITAS, Verlaine. Mau gosto em primeira pessoa. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
FREITAS, Verlaine. Uma crítica psicanalítica à ideologia da objetividade social. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
FREITAS, Verlaine. Imagem, símbolo e arte. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
FREITAS, Verlaine. O intermezzo inconsciente: além da natureza e aquém da cultura. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

15.
FREITAS, Verlaine. Forma estética e alteridade na Crítica da Faculdade do Juízo. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
FREITAS, Verlaine. Onde situar o conflito psíquico? Uma crítica à leitura de Adorno sobre a sublimação em Freud. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
FREITAS, Verlaine. Cure as adaptation on a sick society? Against Adorno's critique of Freud's concept of psychoanalitic health. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
FREITAS, Verlaine. A permanência do inefável. Uma leitura de A terceira margem do rio, de Guimarães Rosa. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
FREITAS, Verlaine. A censura inconsciente como inércia mimética do desejo. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
FREITAS, Verlaine. A contradição inadmissível. Uma crítica ao belo natural como cifra da reconciliação em Adorno. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
FREITAS, Verlaine. A tessitura do mundo e a sublimação estética. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
FREITAS, Verlaine. O dissonante e o demoníaco: a insuficiência do negativo na teoria erótica e estética de Marcuse. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
FREITAS, Verlaine. Ulisses, Édipo e Jesus, ou Adorno e as origens históricas da subjetividade. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
FREITAS, Verlaine. Por um conceito de sublimação a partir de Freud e Adorno. 2004. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

25.
FREITAS, Verlaine. Narcisismo e estética. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
FREITAS, Verlaine. A Teoria estética e a crítica da subjetividade. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
FREITAS, Verlaine. A racionalidade estética em Theodor Adorno. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
FREITAS, Verlaine. Adorno e a violência: a individualidade em questão. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
FREITAS, Verlaine. Tragédia: entre as epopéias e a filosofia. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
FREITAS, Verlaine. O inconsciente em Freud: ponto de vista interpretativo ou realidade?. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

31.
FREITAS, Verlaine. Fantasia, narcisismo e indústria cultural: o prazer autofágico do indivíduo contemporâneo. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
FREITAS, Verlaine. Cultura de massa: seu significado e sua função social. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

33.
FREITAS, Verlaine. A apropriação do trágico na indústria cultural. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

34.
FREITAS, Verlaine. Imaginação e transcendência: a arte como testemunho da verdade recalcada. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
FREITAS, Verlaine. Matrix: a administração da catarse na cultura de massa a partir de Adorno. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

36.
FREITAS, Verlaine. Mímesis: a assimilação imagética do mundo. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

37.
FREITAS, Verlaine. A dialética da razão: a origem histórica da Escola de Frankfurt. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
FREITAS, Verlaine. A imanência do devir: a historicidade da arte em Th. Adorno. 1997. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
FREITAS, Verlaine. História da Arte Grega. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

40.
FREITAS, Verlaine. A beleza como símbolo da moralidade na Crítica da Faculdade do Juízo de Kant. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
FREITAS, Verlaine. O juízo de gosto na Crítica da Faculdade de Julgar de Kant. 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

42.
FREITAS, Verlaine. A verdade e a práxis ético-política em Protágoras. 1993. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad-hoc para Revista Kínesis 2018 (Parecer Ad-hoc).

2.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad-hoc para Revista Analytica 2018 (Parecer Ad-hoc).

3.
FREITAS, Verlaine. Protágoras. São Paulo: Paulus, 2017. (Tradução/Outra).

4.
FREITAS, Verlaine. Ensaios sobre psicologia social e psicanálise. São Paulo: UNESP, 2015. (Tradução/Livro).

5.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo . O tecido quebradiço das ilusões. Belo Horizonte, 2005. (Tradução/Artigo).

6.
FREITAS, Verlaine. Sobre a relação entre trauma e catarse na literatura. Belo Horizonte: Com Arte, 2002. (Tradução/Artigo).

7.
FREITAS, Verlaine. Tudo fake ou o quê?. Belo Horizonte: Com Arte, 2002. (Tradução/Artigo).

8.
FREITAS, Verlaine. O belo natural considerado uma instituição moral?. Belo Horizonte: UFMG, 1999. (Tradução/Artigo).

9.
FREITAS, Verlaine. Sobre a educação estética da humanidade em uma série de cartas, Cartas XXII a XXIV. Belo Horozonte: UFMG, 1997. (Tradução/Artigo).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad-hoc para Revista Ideias. 2016.

2.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad-hoc para Revista Revista Educação e Filosofia. 2016.

3.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2012.

4.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Filosofia e Educação. 2012.

5.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kínesis. 2012.

6.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2012.

7.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Transformação. 2012.

8.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2010.

9.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Filogenese. 2010.

10.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2010.

11.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2009.

12.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Polymathéia. 2009.

13.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2009.

14.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2009.

15.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2009.

16.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Três Pontos. 2008.

17.
FREITAS, Verlaine. Parecer Ad hoc Revista Kriterion. 2007.

Redes sociais, websites e blogs
1.
FREITAS, Verlaine. Blog Refrações. 2011; Tema: Filosofia, Estética, Psicanálise, Política, Crítica cultural. (Blog).


Demais tipos de produção técnica


Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
FREITAS, Verlaine; PEREIRA, E. A.; DEFILIPPO, J. G.. Participação em banca de Rajni Rodrigues Mendes. Poéticas do feminino na escrita de Iracema Macedo. 2017. Dissertação (Mestrado em Letras) - Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora.

2.
DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva; Alves Jr. Doulglas Garica; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Guilherme Soares de Sousa. O problema da duplicação do cotidiano na indústria cultural segundo Theodor Adorno. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
MANDELBAUM, B.; FRANCA, C. P.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Isabella Ferraz Lacerda de Mello. Pai abusador, filho agredido, irmãos marcados: os efeitos da violência sexual na trama fraterna. 2016.

4.
FREITAS, Verlaine; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo; FERREIRA, D. P.. Participação em banca de Regina Sanches Xavier. Ceci n'est pas de l'art: O conceito de reflexão em Kant apropriado na recepção da arte contemporânea. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
CECCHINATO, Giorgia; FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo A P; WERLE, M. A.. Participação em banca de Guilherme Ferreira. Hegel e o fim da arte na letra e no espírito. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
FREITAS, Verlaine; PIMENTA, Olímpio; LOPES, Rogério. Participação em banca de Raquel Marçal Dos Santos Azevedo. A arte como vontade criadora da vida em "Assim falou Zaratustra". 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
COELHO, O. V. S.; BOAVENTURA, F. L. T. S.; CAMPOS, A. V.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de MARLON NUNES SILVA. O corpo hiper-real em crash: estranhos prazeres, de David Cronenberg. 2014. Dissertação (Mestrado em Estudos de Linguagens) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais.

8.
CECCHINATO, Giorgia; VACCARI, U.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Fabiano Leite França. O popular e o erudito em Theodor Adorno: A situação da música no contexto da indústria cultural. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

9.
FREITAS, Verlaine; BARBOSA, Ricardo José Corrêa; DUARTE, Rodrigo. Participação em banca de Marco Antonio Poubel Ministério Filho. Ideologia e autonomia estética em Theodor Adorno. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

10.
FREITAS, Verlaine; SANTIAGO SOBRINHO, J. B.; BERNADES, N. M.; BOAVENTURA, F. L. T. S.. Participação em banca de Jean Américo Cardoso. Consumo e técnica no discurso ambiental. 2012. Dissertação (Mestrado em Estudos de Linguagens) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais.

11.
FREITAS, Verlaine; PINTO, P. R. M.; DRAWIN, C. R.. Participação em banca de Bruno Braga Pereira. Desvelamento do mundo: o fundamento da moral para além dos limites da razão na filosofia de Schopenhauer. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

12.
DUARTE, Rodrigo; Alves Jr. Doulglas Garica; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Abel Camilo de Oliveira Lage Filho. Naturalismo domesticado, o pseudorrealismo na crítica de Theodor W. Adorno à Indústria cultural. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

13.
FREITAS, Verlaine; Veiga, Ricardo T.; Prado, Paulo H. M.. Participação em banca de Juliane de Almeida Ribeiro. Personalidade e consumo ecologicamente consciente. 2010. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Minas Gerais.

14.
FREITAS, Verlaine; Alves Jr. Doulglas Garica; OTTE, Georg. Participação em banca de Sylvia Maria Marteleto Avelar. O Desaparecimento da Aura em Walter Benjamin. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

15.
FREITAS, Verlaine; LOPES, Rogério; PIMENTA, Olímpio. Participação em banca de Marco Júnio Abade. O cristianismo como religião da décadence e contrária aos impulsos vitais em O Anticristo de Nietzsche. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

16.
FREITAS, Verlaine; FREITAS, Romero Alves; DUARTE, Rodrigo A P. Participação em banca de Marcelo Antonio Rocha. As Repercussões do Esquematismo Kantiano na Dialética do Esclarecimento de Theodor Adorno e Max Horkheimer. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

17.
FREITAS, Verlaine; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo; BARBOSA, Ricardo José Corrêa. Participação em banca de Arthur Eduardo Grupillo Chagas. O homem de gosto e o egoísta lógico: O princípio de Kant da comunicabilidade estética à luz de sua teoria do conhecimento. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

18.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva; KAPP, S.. Participação em banca de Marco Túlio Scarpelli Cabral. A arquitetura como tragédia da dominação da natureza: um estudo a partir dos escritos estéticos de T. W. Adorno. 2002. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Teses de doutorado
1.
SALGUEIRO, W. C. F.; FREITAS, Verlaine; LOUREIRO, R.; VERMES, M.; SANTOS, V. C.. Participação em banca de Jorge Luís Verly Barbosa. Adornando um velho bandido: Sérgio Sampaio à luz de Theodor W. Adorno. 2018. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade Federal do Espírito Santo.

2.
PIMENTA, Olímpio; CHAVES, E. P.; DIAS, R. M.; FREITAS, Verlaine; LOPES, Rogério. Participação em banca de Laurici Vagner Gomes. Música, linguagem e a comunicação filosófica do eterno retorno em Assim falava Zaratustra. 2017. Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo; GUIMARAES, B.; Alves Jr. Doulglas Garica; SILVA, E. S. N.. Participação em banca de Felício Ramalho Ribeiro. Música, cognição e desejo. A crítica cultural de Adorno e o dodecafonismo de Schoenberg. 2017. Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
FREITAS, Verlaine; PIMENTA, Olímpio; LOPES, Rogério; DRAWIN, C. R.; ITAPARICA, A. L. M.. Participação em banca de William Mattioli. O INCONSCIENTE NO JOVEM NIETZSCHE: da intencionalidade das formas naturais à vida da linguagem. 2016. Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
GOMES, L. R.; TRAGLIAVINI, J. V.; FREITAS, Verlaine; BEZERRA NETO, L.; PUCCI, Bruno. Participação em banca de Artieres Estevão Romeiro. Dialética negativa, teoria estética e educação: Experiência formativa e racionalidade em Theodor Adorno. 2015. Tese (Doutorado em Pós Graduação em Filosofia da Universidade Federal de São Carlos: UFSCar) - Universidade Federal de São Carlos.

6.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo A P; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo; KANGUSSU, Imaculada Maria G.; GUIMARAES, B.. Participação em banca de Mónica Herrera Noguera. Autonomia e heteronomia da arte Duas categorias fundamentalmente ligadas para compreender a arte como prática histórica e pós-histórica. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
FIGUEIREDO, Virginia de Araujo; DUARTE, Rodrigo; FREITAS, Verlaine; GUIMARAES, B.; SUSSEKIND, P.. Participação em banca de Débora Pazetto Ferreira. Investigações acerca do conceito de arte. 2014. Tese (Doutorado em Pós-graduação em filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

8.
FREITAS, Verlaine; Veiga, Ricardo T.; Mendonça, Carlos Magno C.; Matos, Celso M.; CASOTTI, L. M.. Participação em banca de Eliane Bragança de Matos. Resistência à maquiagem: práticas cotidianas e não consumo. 2013. Tese (Doutorado em Administração) - Universidade Federal de Minas Gerais.

9.
FREITAS, Verlaine; SILVA, E. S. N.; DUARTE, Rodrigo; BURNETT, Henry; Alves Jr. Doulglas Garica. Participação em banca de Sara Juliana Pozzer da Silveira. A arte e o segundo giro copernicano na filosofia de Theodor Adorno. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

10.
COHN, G.; MAAR, W. L.; FRANCO, R. B.; Matos, O. C. F.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Ezequiel Eduardo Ipar. A corrente subterrânea da Escola de Frankfurt: teoria social e teoria estética em Theodor Adorno. 2009. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

11.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva; OTTE, Georg; BARBOSA, Ricardo José Corrêa. Participação em banca de Eduardo Soares Neves Silva. Filosofia e arte em Theodor W. Adorno: a categoria de constelação. 2006. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Qualificações de Doutorado
1.
DUARTE, Rodrigo; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Lucyane Maria de Araujo Moraes. A virtual desartificação da arte. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
LOUREIRO, R.; SALGUEIRO, W. C. F.; VERMES, M.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Jorge Luís Verly Barbosa. Adornando um velho bandido: Sérgio Sampaio à luz de Theodor W. Adorno. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Letras) - Universidade Federal do Espírito Santo.

3.
GUIMARAES, B.; SILVA, E. S. N.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Felício Ramalho Ribeiro. A música de Schönberg como conhecimento em Adorno. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
LOPES, Rogério; ITAPARICA, A. L. M.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de William Mattioli. O desenvolvimento da noção de inconsciente no jovem Nietzsche e suas influências. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
PUCCI, Bruno; GOMES, L. R.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Artieres Estevão Romeiro. Dialética negativa, teoria estética e educação: a racionalidade estética em Theodor Adorno. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Educação) - Universidade Federal de São Carlos.

Qualificações de Mestrado
1.
BELO, F. R. R.; CASTILHO, P.; FREITAS, Verlaine. Participação em banca de Daniel Bruno Dos Reis. Uma análise das implicações do masoquismo na constituição e manutenção do psiquismo. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Professor titular
1.
FREITAS, Verlaine; FURTADO, J. L.; GONCALVES, M. C.; SILVA, E. S. N.; MATOS, L. F. B. F.. Banca de admissão de professor adjunto do Departamento de Filosofia. 2010. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
FREITAS, Verlaine; ALMEIDA, G.; PUENTE, F. R.; GIACOIA, O.; SANTOS, E. P. F. M.. Banca de admissão de professor adjunto do Departamento de Filosofia. 2008. Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
FREITAS, Verlaine; RIBEIRO, C.; ADRIANO. Banca de admissão de professor adjunto do Departamento de Filosofia. 2002. Universidade Federal de Uberlândia.

Outras participações
1.
SILVA, E. S. N.; FREITAS, Verlaine. Comissão de avaliação da XXIII Semana de Iniciação Científica. 2014. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
FREITAS, Verlaine; ENGELMANN, M.; COELHO, M. C. M. N.. Banca de seleção do curso de mestrado UFMG. 2014. Universidade Federal de Minas Gerais.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
9º. ?Encontro Nacional do GT de Estética da ANPOF?.A desimagificação da arte contemporânea. Um comentário ao texto ?A memória do que não passou?, de Pedro Hussak. 2018. (Encontro).

2.
A imagem contemporânea entre estética e política.Imagem, totalidade e individuação: o universo dos signos nas sociedades de massa. 2018. (Encontro).

3.
XI Congresso Internacional de Teoria Crítica: ?Estado de Exceção e Racionalidade na Idade Mídia?. Cura, adaptação e prazer: a crítica de Adorno à prática psicanalítica. 2018. (Congresso).

4.
13o. Congresso Internacional de Estética - Brasil. Os fins da arte. Narcisismo e esvaziamento da política: duas faces da cultura de massa. 2017. (Congresso).

5.
I Congresso Internacional Theodor W. Adorno. Três momentos da apropriação da psicanálise por Adorno. 2017. (Congresso).

6.
I Encontro Internacional do Grupo de Estudos Democráticos.Os impasses da democracia em uma sociedade atomizada. 2017. (Encontro).

7.
Kant and Aesthetics Workshop.Kant e a arte moderna. 2017. (Oficina).

8.
Aula Inaugural do Curso de Pós-Graduação em Letras da UFES.A imaginação literária na interface entre filosofia e psicanálise. 2016. (Outra).

9.
VIII Encontro do GT de Estética da ANPOF.A regressão totêmica pré-trágica em o remorso de baltazar serapião. 2016. (Encontro).

10.
IV Congresso Nacional de Psicanálise, Direito e Literatura. Leituras laplancheanas do Íon. 2015. (Congresso).

11.
IV Encontro Nacional de Pesquisadores de Filosofia da Música.A música contemporânea. 2015. (Encontro).

12.
O trágico, o sublime e a melancolia. O novo, o absurdo e o sublime. 2015. (Congresso).

13.
Por que Nietzsche?.Genealogia e expressão: duas faces do pensamento crítico de Nietzsche. 2015. (Seminário).

14.
VIII Meeting of the international Society for Psychoanalysis and Philosophy.The Meta-critique of the Unconscious: Foucault and the Role of the Freudian Metapsychology Today. 2015. (Encontro).

15.
Como aumentar a relevância e qualidade da produção acadêmicado CEPEAD?.Como aumentar a relevância e qualidade da produção acadêmicado CEPEAD?. 2014. (Seminário).

16.
IX Congresso Internacional de Teoria Crítica: gênese, desdobramentos, apropriações. Estética e experiência formativa. 2014. (Congresso).

17.
VII Encontro Nacional do GT de Estética da ANPOF.Kant e Schiller. 2014. (Encontro).

18.
11o. Congresso Internacional de Estética - Brasil. Gosto, interpretação e crítica. Gosto como crítica. A implicação necessariamente subjetiva do juízo de gosto. 2013. (Congresso).

19.
V Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise. Tradução e psicanálise. 2013. (Congresso).

20.
Teoria Crítica Revisitada. Sublimação e pornografia na Dialética do esclarecimento: um comentário crítico. 2012. (Congresso).

21.
V Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise. Uma crítica psicanalítica à ideologia da objetividade social. 2012. (Congresso).

22.
V Encontro do GT de Estética da ANPOF.Mau gosto em primeira pessoa. 2012. (Encontro).

23.
VIII Congresso Internacional de Teoria Crítica: dasafios na era digital. O meio não é a mensagem. 2012. (Congresso).

24.
Imagem, Imaginação e Fantasia. Vinte anos sem Vilém Flusser. Imagem, símbolo e arte. 2011. (Congresso).

25.
IV Congresso Internacional de Filosofia da Psicanálise. O intermezzo inconsciente: além da natureza e aquém da cultura. 2011. (Congresso).

26.
Visiting Speakers Series.The Twilight Zone of the Unconscious: no-longer-Nature, but not-yet-Culture. 2011. (Outra).

27.
3rd Annual Meeting of International Society of Psychoanalysis and Philosophy.Cure as adaptation on a sick society? Against Adorno's critique of Freud's concept of psychoanalitic health. 2010. (Encontro).

28.
III Encontro Nacional de Pesquisadores em Filosofia da Música.Forma, conteúdo e subjetividade na nova música segundo Theodor Adorno. 2010. (Encontro).

29.
II Simpósio de Pesquisas do Projeto CAVAS. Perversão: as engrenagens da violência sexual infantojuvenil.Sublimação e perversão. 2010. (Simpósio).

30.
IV Encontro do GT Estética da Anpof.A mímesis na Poética de Aristóteles. 2010. (Encontro).

31.
IV Encontro Nacional de Pesquisadores em Filosofia e Psicanálise.Onde situar o conflito psíquico? Uma crítica à leitura de Adorno sobre a sublimação em Freud. 2010. (Encontro).

32.
VII Congresso Internacional de Teoria Crítica. O desejo de Ulisses. Um olhar crítico sobre a interpretação de Adorno e Horkheimer sobre a Odisséia. 2010. (Congresso).

33.
XI Simpósio Filosófico Teológico.O sagrado, o profano e a arte. 2010. (Simpósio).

34.
XIV Encontro Nacional da ANPOF.Forma estética e alteridade na Crítica da Faculdade do Juízo. 2010. (Encontro).

35.
Seminários Permanentes de Hermenêutica da Experiência Estética.A conjuração sígnica do real nos meios de comunicação de massa, segundo Jean Baudrillard. 2009. (Seminário).

36.
Projeto Criatividade e Pós-Modernidade.Bioética. 2007. (Encontro).

37.
III Encontro do GT Estética da ANPOF.III Encontro do GT Estética da Anpof: Arte e natureza. 2006. (Encontro).

38.
XII Encontro Nacional de Filosofia da Anpof.Mímesis e sublimaçao. Pontos de ruptura e continuidade. 2006. (Encontro).

39.
Dimensão estética. Homenagem aos 50 anos de publicação de Eros e Civilização de Herbert Marcuse. Dimensão estética. Homenagem aos 50 anos de publicação de Eros e Civilização de Herbert Marcuse. 2005. (Congresso).

40.
Ética e estética - Encontro Nacional do GT Estética da ANPOF.Ética e estética - Encontro Nacional do GT Estética da ANPOF. 2004. (Encontro).

41.
XI Encontro Nacional da ANPOF.XI Encontro Nacional da ANPOF. 2004. (Encontro).

42.
Congresso Internacional Theoria Aesthetica. Congresso Internacional Theoria Aesthetica. 2003. (Congresso).

43.
Dez Encontros entre Filosofia e Psicanálise - 2.Dez encontros entre Filosofia e Psicanálise - 2. 2003. (Encontro).

44.
Filosofia e Ficção - Uma questão ontológica.Filosofia e Ficção. 2003. (Simpósio).

45.
Colóquio Nacional: A questão do gosto (III). Colóquio Nacional: A questão do gosto (III). 2002. (Congresso).

46.
Filsofia e literatura.Filosofia e literatura. 2002. (Encontro).

47.
Interpretações III Simpósio Nacional de Filosofia da UFOP.Interpretações III Simpósio Nacional de Filosofia da UFOP. 2002. (Simpósio).

48.
X Encontro Nacional da ANPOF - Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia.X Encontro Nacional da ANPOF - Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia. 2002. (Encontro).

49.
Colóquio Internacional Kátharsis. Colóquio Internacional Kátharsis. 2001. (Congresso).

50.
Colóquio Internacional Mímesis e Expressão. Colóquio Internacional Mímesis e Expressão. 1999. (Congresso).

51.
Colóquio Nacional Luzes da Arte. Colóquio Nacional Luzes da Arte. 1997. (Congresso).

52.
Colóquio Nacional Belo, Sublime e Kant. Colóquio Nacional Belo, Sublime e Kant. 1995. (Congresso).

53.
VI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF.VI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. 1994. (Encontro).

54.
1o Congresso de Ciências Humanas, Letras e Artes, em São João del Rei. 1o Congresso de Ciências Humanas, Letras e Artes, em São João del Rei. 1993. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
FREITAS, Verlaine; CECCHINATO, Giorgia ; COSTA, R. ; DUARTE, Rodrigo ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; FERREIRA, D. P. . 13º Congresso Internacional de Estética ? Brasil. Os Fins da Arte. 2017. (Congresso).

2.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo A P ; CECCHINATO, Giorgia ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; FERREIRA, D. P. ; COSTA, R. ; SILVA, C. V. . O trágico, o sublime e a melancolia. 2015. (Congresso).

3.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; CECCHINATO, Giorgia . Gosto, Interpretação e Crítica. 11o Congresso Internacional de Estética - Brasil. 2013. (Congresso).

4.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo ; KANGUSSU, Imaculada Maria G. ; MACEDO, Iracema ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; FREITAS, Romero Alves . Estéticas do deslocamento. 2007. (Congresso).

5.
FREITAS, Verlaine; KANGUSSU, Imaculada Maria G. ; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; ABDO, Sandra Neves ; MACEDO, Iracema . Congresso Internacional Dimensão Estética. 2005. (Congresso).

6.
FREITAS, Verlaine. Jornada de Frankfurt. Em homenagem aos 80 anos de fundação do Instituto de Pesquisa Social.. 2004. (Congresso).

7.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva ; KANGUSSU, Imaculada Maria G. ; MACEDO, Iracema ; VELOSO, Rita de Cássia . Congresso Internacional Theoria Aesthetica. 2003. (Congresso).

8.
FREITAS, Verlaine; FURTADO, J. L. ; IANNINI, G. . Intepretações III Simpósio Nacional de Filosofia da UFOP. 2002. (Congresso).

9.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; KANGUSSU, Imaculada Maria G. . Colóquio Internacional Kátharsis. 2001. (Congresso).

10.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; KANGUSSU, Imaculada Maria G. . Colóquio Internacional Mímesis e expressão. 1999. (Congresso).

11.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva ; FIGUEIREDO, Virginia de Araujo ; KANGUSSU, Imaculada Maria G. . Colóquio Nacional As Luzes da Arte. 1997. (Congresso).

12.
FREITAS, Verlaine; DUARTE, Rodrigo Antônio de Paiva ; CAMPOS, M. J. R. ; ABDO, Sandra Neves ; KANGUSSU, Imaculada Maria G. . Colóquio Nacional Belo, Sublime e Kant. 1995. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Luciana Bastos Neiva. A regressão auditiva na obra de Theodor Adorno: A recepção da mercadoria cultural. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. (Orientador).

2.
Letícia Fonseca Braga Machado. Romantismo e Surrealismo na força utópica de Walter Benjamin. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

3.
Glauber Ataíde. O conceito de reificação em História e consciência de classe, de Georg Lukács. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

4.
Marina Clemence Bicalho. O TRÁGICO E O SUBLIME EM SCHILLER. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

5.
Paulo Henrique Assunção Rocha. Walter Benjamin e a politização da arte no surrealismo. Início: 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Regina Sanches Xavier. A política do conceito de arte em Arthur Danto: a problemática política no mundo da arte contemporânea. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

2.
Bruno Paiva. A Expressão do Inexprimível na Arte: Sobre o conceito de conteúdo de verdade das obras de arte no pensamento de Theodor W. Adorno. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

3.
Gabriel Almeida Assumpção. Produtividade da natureza e produção das artes plásticas em Schelling. Início: 2016. Tese (Doutorado em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. (Orientador).

4.
Sulamita Fonseca Lino. O feio como categoria estética. Início: 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

5.
Camilo Lélis. Os alcances da estética no naturalismo de Nietzsche. Início: 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

6.
Felício Ramalho Ribeiro. A música de Schönberg como conhecimento em Adorno. Início: 2010. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Raquel Marçal dos Santos. A necessidade de uma nova liberdade para a criação de novos valores em Assim Falou Zaratustra. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Verlaine Freitas.

2.
Hélio Dias da Costa Júnior. Pessimismo e afirmação da vontade de vida em Schopenhauer. 2009. 0 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Verlaine Freitas.

3.
Felício Ramalho Ribeiro. Regressão auditiva. O impedimento da música como conhecimento em Theodor Adorno. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verlaine Freitas.

4.
Marco Antônio Poubel Ministério Filho. A Ideologia como Problema na Estética de Theodor Adorno. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verlaine Freitas.

5.
Sylvia Maria Marteleto Avelar. O Desaparecimento da Aura em Walter Benjamin. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verlaine Freitas.

6.
Marco Júnio Abade. O cristianismo como religião da décadence e contrária aos impulsos vitais em O Anticristo, de Nietzsche. 2008. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verlaine Freitas.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Aleandra de Oliveira Mendes. Recuperação de áreas degradadas: uma possibilidade de eco-organização e sustentabilidade. 2006. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Eduçação Ambiental) - Universidade do Estado de Minas Gerais. Orientador: Verlaine Freitas.

2.
Regina Almeida Célia Santos. Considerações sobre a religião em Freud. 2004. 35 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Filosofia) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Verlaine Freitas.

3.
Valéria Guimarães. O lúdico e a arte como instrumentos eficazes na educação ambiental. 2003. 44 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Eduçação Ambiental) - Universidade do Estado de Minas Gerais. Orientador: Verlaine Freitas.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Cristiano Araujo Borges. Sociedade das viagens. 2004. 56 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Ouro Preto. Orientador: Verlaine Freitas.

Iniciação científica
1.
Júlia Alves de Almeida Vieira. A superfetação do elemento racional na tragédia de Eurípedes. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Verlaine Freitas.

2.
Margarida Maria Barbosa. O conceito de mímesis na poética de Aristóteles. 2003. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verlaine Freitas.

3.
Andréia Teixeira Braga. A tragédia grega: um estudo sobre Édipo-tirano de Sófocles. 2003. 40 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Ouro Preto, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verlaine Freitas.



Educação e Popularização de C & T



Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FREITAS, Verlaine. Massa e utopia. Cult (São Paulo), São Paulo, p. 41 - 43, 06 out. 2012.


Redes sociais, websites e blogs
1.
FREITAS, Verlaine. Blog Refrações. 2011; Tema: Filosofia, Estética, Psicanálise, Política, Crítica cultural. (Blog).



Outras informações relevantes


No primeiro semestre de 2013 traduzi um conjunto de textos de Theodor Adorno que comporão o volume intitulado (provisoriamente) "Ensaios sobre psicanálise e psicologia social", a ser publicado em breve pela Editora da UNESP, em um projeto de tradução da obra de Theodor Adorno dirigida por Vladimir Safatle e Rodrigo Duarte. Para esse mesmo projeto, estou traduzindo o primeiro volume das Gesammelte Schriften, "Primeiros escritos filosóficos"
Atualmente preparo a redação de um livro intitulado "A Razão e suas vicissitudes. Sobre a psicanálise na Dialética do esclarecimento, de Adorno e Horkheimer", que deverá ficar pronto em 2015.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/10/2018 às 17:14:37