Angela Maria Nunes Machado Pereira

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3168109957159053
  • Última atualização do currículo em 04/04/2011


Ângela Nunes é antropóloga. Portuguesa, nasceu em Moçambique, onde viveu até à adolescência. Fez os estudos universitários no Brasil e em Portugal, tendo participado em diversos projetos educacionais e científicos em ambos os países. É doutora em Antropologia da Educação, investigadora associada ao CRIA/UNL e é bolseira post-doc da FCT (Portugal). No Brasil, colabora no PINEB/UFBA e no CRIAS/UFPE. As suas investigações têm focalizado as crianças das sociedades indígenas brasileiras e, mais recentemente, as crianças na diáspora portuguesa. Atualmente, trabalha no projeto Infância, Migrações, Identidade e Diversidade Cultural`, concentrado na comunidade portuguesa na área do Ruhr, Alemanha. Publicou "A Sociedade das Crianças A'uwe-Xavante: por uma antropologia da criança" (1999) e co-editou "Crianças Indígenas: ensaios antropológicos" (2002). Em 2009, com 2 colegas, fundou o NEIJ - Núcleo de Estudos da Infância e Juventude, no CRIA/Centro em Rede de Investigação em Antropologia, Portugal. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Angela Maria Nunes Machado Pereira
Nome em citações bibliográficas
NUNES, Ângela

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Nova de Lisboa, CRIA - Centro em rede de Investigação em Antropologia.
Av. Forças Armadas, Ed. ISCTE - sala 2n7, cacifo 237
1649-026 - Lisboa, - Portugal
URL da Homepage: www.cria.org.pt


Formação acadêmica/titulação


1997 - 2003
Doutorado em Antropologia da Educacao.
Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa.
Título: Brincando de Ser Crianca: contribuicoes da etnologia indígena brasileira à antropologia da infância, Ano de obtenção: 2004.
Orientador: Raul Iturra e Maria Aracy de Pádua Lopes da Silva.
Bolsista do(a): Fundacao Ciência e Tecnologia, FCT, Portugal.
Palavras-chave: Antropologia da Infância; Educacao Intercultural; etnologia; Índios no Brasil; Xavante; crianca.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia Indígena.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Tópicos Específicos de Educação.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia da Infância e da Criança.
Setores de atividade: Educação.
1993 - 1997
Mestrado em Antropologia Social / Etnologia Indígena.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: A Sociedade das Criancas A'uwe-Xavante: por uma antropologia da infância,Ano de Obtenção: 1997.
Orientador: Aracy Lopes da Silva.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Antropologia da Infância; Sociedades Indígenas; crianca; educacao; cotidiano; brincar.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia Indígena.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Tópicos Específicos de Educação.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia da Infância e da Criança.
Setores de atividade: Educação.
1988 - 1992
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Gestos e Linguagem do Brincar entre as Criancas da Sociedade A' uwe-Xavante.
Orientador: Maria Aracy de Pádua Lopes da Silva.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.


Pós-doutorado


2010
Pós-Doutorado.
Centro em Rede de Investigação em Antropologia.
Bolsista do(a): Fundacao Ciência e Tecnologia, FCT, Portugal.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
2007 - 2010
Pós-Doutorado.
IEC- Universidade do Minho, UMINHO, Portugal.
Bolsista do(a): Fundacao Ciência e Tecnologia, FCT, Portugal.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.


Formação Complementar


1997 - 1997
Extensão universitária em Comunicacao e Média na Escola. (Carga horária: 60h).
Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa.
1993 - 1993
Arqueologia. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
1991 - 1991
Introdução à Antropologia Portuguesa. (Carga horária: 30h).
Universidade de Coimbra - Dept. de Antropologia.


Atuação Profissional



Centro em Rede de Investigação em Antropologia, CRIA, Portugal.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Investigador Associado, Enquadramento Funcional: Bolseiro de Pós-Doutoramento, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade Nova de Lisboa, U.NOVA DE LISBOA, Portugal.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: Investigador Associado, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade de Duisburg-Essen, DUE, Alemanha.
Vínculo institucional

2007 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador Visitante
Outras informações
No âmbito da bolsa de pós-doutoramento (FCT)


Universidade do Minho, UM, Portugal.
Vínculo institucional

2007 - 2010
Vínculo: Bolsista Pós-Doutoramento FCT, Enquadramento Funcional: Investigador Associado, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade de Utrecht / ERCOMER, UU, Holanda.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador Visitante
Outras informações
No âmbito da bolsa de pós-doutoramento (FCT)


Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - Atual
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: pesquisador Associado (PINEB)
Outras informações
Linha de Pesquisa: Infância e Educação Indígena


Instituto Superior das Ciências do Trabalho e da Empresa, ISCTE, Portugal.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Investigador Associado (CIES)
Outras informações
No âmbito da bolsa de pós-doutoramento FCT

Vínculo institucional

1998 - 2004
Vínculo: Bolsista FCT, Enquadramento Funcional: Doutoranda, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 1999
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador bolsista
Outras informações
Projecto: Antropologia, História e Educação: a questão indígena e a escola, Projecto temático colectivo, FAPESP - Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo, Mari - USP, Brasil.

Vínculo institucional

1993 - 1997
Vínculo: Bolsista CNPq, Enquadramento Funcional: Mestranda, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2010 - Atual
Crianças na Diáspora Portuguesa: Infância, Migrações, Identidade e Diversidade Cultural
Descrição: Estudo antropológico e etnográfico concentrado na comunidade portuguesa na área do Ruhr, Alemanha..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2010
Infância, migrações e diversidade cultural. Experiência e participação das crianças no processo migratório, na (re)construção de identidades e na transformação social.
Descrição: Este estudo é sobre Infância e Migrações. O impacto do processo migratório na vida das crianças, como estas decifram e experimentam constrangimentos e desafios por este desencadeados, e a especificidade da dinâmica que as crianças migrantes, por sua vez, imprimem na vida social, serão aqui investigados. Como é que estas crianças (des)(re)constroem a sua identidade? Como é que compreendem e respondem à diversidade cultural? Que categorias conceituais são elegíveis para as acompanharmos neste processo? Qual o papel das crianças na integração das suas famílias na sociedade de acolhimento, e na manutenção do vínculo com a sociedade de origem? Como dar visibilidade à sua compreensão do processo migratório, à sua contribuição na reconstrução social deste decorrente? Podem os estudos sobre crianças migrantes provocar impacto nas decisões que afectam suas vidas? Estas e outras questões serão pensadas comparativamente, investigando em Portugal e na Alemanha, países com diferentes experiências enquanto receptores de migração..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
1997 - 2003
A Construção do Saber numa Sociedade Indígena Brasileira (A´uwe-Xavante)
Descrição: A construção do saber numa sociedade indígena, ou em qualquer uma outra, é um assunto que permeia a existência do indivíduo e do grupo, de uma forma muito específica, o que torna o seu estudo aprofundado um procedimento fundamental para a compreensão dessa sociedade como um todo. A via de acesso que escolhi para o desenvolvimento do presente projecto de pesquisa, é o estudo do universo lúdico das crianças da sociedade indígena A'uwe - Xavante. A minha proposta baseia-se na importância vital que as brincadeiras e jogos infantis têm no processo de crescimento das crianças, pois é através destas actividades que elas vão incorporando as regras e os valores que permeiam os mecanismos de socialização. O estudo será etnográfico, no âmbito dos Estudos Etnológicos Brasileiros e da Antropologia da Criança..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1996 - 1999
Antropologia, História e Educação: a questão indígena e a escola
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1993 - 1997
Gestos e Linguagem do Brincar entre as Crianças da Sociedade A'uwe-Xavante
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1990 - 1992
O universo lúdico das crianças da sociedade indígena A'uwe-Xavante
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Revisor de periódico


2008 - Atual
Periódico: International Journal of Social Welfare
2008 - Atual
Periódico: Anthropology & Education Quarterly


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia da Infância e da Criança.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia Indígena.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Tópicos Específicos de Educação.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Migrações.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Alemão
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
NUNES, Ângela2010NUNES, Ângela. Etnografia de um projeto de educação escolar indígena, idealizado por professores Xavante: dilemas, conflitos e conquistas. Currículo sem Fronteiras, v. 10, p. 84-112, 2010.

2.
NUNES, Ângela2010NUNES, Ângela; CARVALHO, M.R.G. . Infâncias em povos indígenas (Brasil): idade, gênero e construção da pessoa. O Social em Questão, v. 21, p. 74-94, 2010.

3.
NUNES, Ângela2009NUNES, Ângela; CARVALHO, M.R.G. . Questões metodológicas e epistemológicas suscitadas pela Antropologia da Infância. BIB. Revista Brasileira de Informação Bibliográfica em Ciências Sociais, v. 68, p. 77-97, 2009.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
NUNES, Ângela. Brincando de Ser Criança. Contribuições da etnologia indígena brasileira à antropologia da infância. Lisboa: ISCTE, 2003. v. 1. 341p .

2.
NUNES, Ângela; Lopes da Silva, Aracy (Org.) ; MACEDO, A. V. L. S. (Org.) . Criancas Indígenas: ensaios antropológicos. Sao Paulo: Global Editora - Fapesp - Mari, 2002. 280p .

3.
NUNES, Ângela. A Sociedade das Criancas A'uwe-Xavante: por uma antropologia da crianca. Lisboa: Instituto de Inovacao Educacional - Ministério da Educacao, 1999. v. 1. 231p .

Capítulos de livros publicados
1.
NUNES, Ângela; KNORR, J. . Childhood and Migration: from experience to agency (Introduction). In: Knörr, J. (Org.). Childhood and Migration: from experience to agency. Bielefeld: Transkript, 2005, v. , p. -.

2.
NUNES, Ângela. Childhood Dynamics in a Changing Culture: examples from the Xavante in Central Brazil. In: Knörr, J. (Org.). Childhood and Migration: from experience to agency. Bielefeld: Transkript, 2005, v. , p. -.

3.
NUNES, Ângela; Lopes da Silva, Aracy . Contribuicoes da Etnologia Indígena Brasileira à Antropologia da Infância. In: Aracy Lopes da Silva, Ana Vera Macedo, Angela Nunes. (Org.). Criancas Indígenas: ensaios antropológicos. Sao Paulo: Global Editora - Fapesp - Mari, 2002, v. , p. 11-33.

4.
NUNES, Ângela. No tempo e no Espaco: brincadeiras das criancas A'uwe-Xavante. In: Aracy Lopes da Silva, Ana Vera Macedo, Angela Nunes. (Org.). Criancas Indígenas: ensaios antropológicos. Sao Paulo: Global Editora - Fapesp - Mari, 2002, v. , p. 64-99.

5.
NUNES, Ângela. O Lugar das Criancas nos Textos sobre Sociedades Indígenas no Brasil. In: Aracy Lopes da Silva, Ana Vera Macedo, Angela Nunes. (Org.). Criancas Indígenas: ensaios antropológicos. Sao Paulo: Global Editora - Fapesp - Mari, 2002, v. , p. 236-277.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
NUNES, Ângela. Infância, Migrações, Identidade e Diversidade Cultural: crianças na diáspora portuguesa (apresentação). Boletim da FAPA, Alemanha, 01 abr. 2011.

2.
NUNES, Ângela. Crianças na Diáspora Portuguesa. RTP Açores/Blog Comunidades, Portugal, 06 jun. 2010.

3.
NUNES, Ângela. Projecto Intercâmbio Põe Crianças a Dialogar em Português. Portugal Post, Dortmund, Alemanha, p. 6 - 6, 01 jun. 2010.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
NUNES, Ângela. A Antropologia da Crianca: questao emergente em todos os sentidos. In: V Congresso da AEPEC - Associacao da Educacao Pluridimensional e da Escola Cultural, 2002, Évora. Globalizacao e Diversidade: a escola cultural, uma resposta. Porto: Porto Editora, 1998. p. 147-154.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
NUNES, Ângela. Co-coordenação de GT Antropologia e Infância . In: XXV Reunião da ABA, 2006, Goiânia. Anais da XXV Reunião da ABA. Goiânia, 2005.

2.
NUNES, Ângela. Co-coordenação do GT Infância Indígena: perspectivas e desafios educacionais . In: Reunião de Antropologia do Mercosul, 2005, Montevideo. Anais da VI Reunião de Antropologia do Mercosul. Montevideo, Uruguai, 2005.

3.
NUNES, Ângela. Da Antropologia da Infância aos Estudos sobre Infância Indígena, e vice-versa: impasses e possibilidades. In: VI Reunião de Antropologia do Mercosul. GT Infância Indígena: perspectivas e desafios educacionais, 2005, Montevideo. Anais do VI Reunião de Antropologia do Mercosul. Montevideo, 2005.

4.
NUNES, Ângela. Reflexões sobre a contribuição das crianças à vida social: o caso da infância indígena no Brasil (mesa-redonda). In: III Seminário Internacional Primeira Infância, 2005, Porto Alegre. III Seminário Internacional Primeira Infância. Porto Alegre, 2005.

5.
NUNES, Ângela. Criancas Indígenas: vozes já presentes no diálogo intercultural?. In: 24a. Reuniao da Associacao Brasileira de Antropologia, 2004, Recife. Livro de Resumos, 2004.

6.
NUNES, Ângela. Childhood Dynamics in a Changing Culture: examples from the Xavante people of central Brazil. In: Tagung der Deutschen Gesellschaft für Volkerkunde e.V., 2003, Hamburg. Abstracts / Methoden und Ansätze der Qualitativen Datenanalyse, 2003.

7.
NUNES, Ângela. Uma Contribuicao da Etnologia Indígena Brasileira á recente Antropologia da Infância. In: Práticas e Terrenos da Antropologia em Portugal, 1999, Lisboa. Livro de Resumos, 1999.

8.
NUNES, Ângela. A Etnografia que os Índios Xavante (Brasil) produzem sobre eles mesmos. In: Práticas e Terrenos da Antropologia em Portugal, 1999, Lisboa. Livro de Resumos, 1999.

9.
NUNES, Ângela. A Crianca como Elemento Fundamental na Reflexao sobre Educacao Escolar Indígena. In: XXI Encontro Anual da ANPOCS -, 1997, Caxambu. Livro de Resumos, 1997.

10.
NUNES, Ângela. Ritmos, Ciclos e Brincadeiras: um olhar sobre as criancas da sociedade A'uwe-Xavante. In: XXI Reuniao da ABA - Associacao Brasileira de Antropologia, 1996, Salvador. Livro de resumos do Congresso, 1996.

Apresentações de Trabalho
1.
NUNES, Ângela. Can ethnography and participant observation help raise voice, agency and protagonism? Notes from fieldwork with Portuguese children in Germany. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
NUNES, Ângela. "I was born here! I´m fully German! Yes, I attend the Portuguese classes. And so what?". 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
NUNES, Ângela; Ferreira, Manuela . Ethnography: potential, challenges and dilemmas of its practice with children. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
NUNES, Ângela. Ensino de Língua e Cultura Portuguesa: estudo com crianças portuguesas e luso-descendentes na Alemanha. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
NUNES, Ângela. Crianças portuguesas, brasileiras e dos PALOP, na Alemanha: identidade e diversidade nas aulas de Lingua Portuguesa. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
NUNES, Ângela. Portuguese migrants in Germany: how deceiving can be integration?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
NUNES, Ângela; Ferreira, Manuela . Estudos interdisciplinares sobre a infância e a criança em Portugal e a discreta contribuição da Antropologia: fundamentos e objectivos do painel. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
NUNES, Ângela; CARVALHO, M.R.G. . As agências das crianças: como apre(e)ndê-las e problematizá-las antropologicamente?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
NUNES, Ângela. Children of less visible migrant groups: approach and first reflections. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
NUNES, Ângela. Ser Minoria entre Minorias Étnicas: crianças portuguesas na Alemanha. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
NUNES, Ângela. Children of less visible migrant groups: approach and first reflections. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
NUNES, Ângela; CARVALHO, M.R.G. . Como garantir visibilidade às crianças indígenas no Brasil, quer no âmbito científico, quer no das políticas sociais para a infância: impasses e potencialidades. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
NUNES, Ângela; CARVALHO, M.R.G. . Questões metodológicas e epistemológicas suscitadas pela Antropologia da Infância. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
NUNES, Ângela. Co-coordenação de GT Antropologia e Infância . 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
NUNES, Ângela. Indigenous children in Brazil: still a question of invisibility and pheripheral concern, ISA. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
NUNES, Ângela. Crianças Indígenas: perspectivas de investigação. Instituto de Estudos da Criança. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
NUNES, Ângela. Co-coordenação do GT Infância Indígena: perspectivas e desafios educacionais . 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
NUNES, Ângela. Da Antropologia da Infância aos Estudos sobre Infância Indígena, e vice-versa: impasses e possibilidades. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
NUNES, Ângela. Da Antropologia da Infância aos Estudos sobre Infância Indígena, e vice-versa: impasses e possibilidades. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
NUNES, Ângela. Reflexões sobre a contribuição das crianças à vida social: o caso da infância indígena no Brasil (mesa-redonda). 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
NUNES, Ângela. Indigenous Childhood in Brazil. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
NUNES, Ângela. Criancas Indígenas: vozes presentes no diálogo intercultural?. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

23.
NUNES, Ângela. Childhood Dynamics in a Changing Culture: examples from the Xavante people of Central Brazil. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

24.
NUNES, Ângela. Mulheres Xavante: entre a língua mae e a escolarizacao oficial. 2002. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

25.
NUNES, Ângela. A Antropologia da Infância: questao emergente em todos os sentidos. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

26.
NUNES, Ângela. Antropologia da Crianca: novo paradigma?. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

27.
NUNES, Ângela. A Crianca como Elemento Fundamental na Reflexao sobre Educacao Escolar Indígena. 1997. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

28.
NUNES, Ângela. Em Defesa da Antropologia da Infância: notas de uma aldeia Xavante do Brasil Central. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

29.
NUNES, Ângela. Ritmos Ciclos e Brincadeiras: um olhar sobre as criancas da sociedade indígena Xavante. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

30.
NUNES, Ângela. A Crianca na Antropologia: algumas apreciacoes bibliográficas. 1996. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

31.
NUNES, Ângela. A Socializacao das Criancas Xavante. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
NUNES, Ângela. Brincar: linguagem universal. 1989. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
NUNES, Ângela. Community-based Innovations to Reduce Child Labor through Education. 2006.

Trabalhos técnicos

Demais tipos de produção técnica
1.
NUNES, Ângela. A temática Indígena na Escola. 1995. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
NUNES, Ângela. Antropologia e História dos Índios no Brasil. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
NUNES, Ângela. A Temática Indígena na Escola. 1994. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
NUNES, Ângela. Capacitacao de Professores Indígenas (Xavante). 1993. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
NUNES, Ângela; TASSINARI, A. I.. Participação em banca de Camila Guedes Codonho. Meio-ambiente em perspectiva: em busca de uma cosmologia das crianças Galibi-Marworno. 2005. Dissertação (Mestrado em Antropologia Social) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Teses de doutorado
1.
NUNES, Ângela; SARMENTO, M.; Fernandes, N.. Participação em banca de Juliana Prates Santana. Cotidiano, espressões culturais e trajectórias de vida: uma investigação participativa com crianças em situação de rua. 2008. Tese (Doutorado em Estudos da Criança / Sociologia da Infância) - IEC- Universidade do Minho.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
NUNES, Ângela; CARVALHO, M.R.G.; Agostinho da Silva, P. Participação em banca de Sarah Siqueira de Miranda.A Construção da Identidade Pataxó: práticas e significados da experiência cotidiana entre crianças da Coroa Vermelha. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal da Bahia.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Congresso em Estudos da Criança ― Infâncias Possíveis Mundos Reais. As agências das crianças: como apre(e)ndê-las e problematizá-las antropologicamente?. 2008. (Congresso).

2.
International Conference Children and Migration: identities, mobilities and belonging(s). Children of less visible migrant groups: approach and first reflections. 2008. (Congresso).

3.
Race, Ethnicity and Migration Studies Summer Institute.Children of less visible migrant groups: approach and first reflections. 2008. (Outra).

4.
31a. Reunião da ANPOCS. Questões metodológicas e epistemológicas suscitadas pela Antropologia da Infância. 2007. (Congresso).

5.
8th Annual Meeting of the Section Sociology of Childhood. 2002. (Encontro).

6.
Children in Extreme Situations. 1998. (Seminário).

7.
Usos do Popular. 1998. (Simpósio).

8.
A Socializacao da Natureza e a Socializacao de Outrem. 1994. (Seminário).

9.
XIX Reuniao da ABA. 1994. (Congresso).

10.
Economia na Amazônia. 1993. (Seminário).

11.
Encontros de Etnologia. 1993. (Simpósio).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Rosa Bernadete Pinto paes Nunes. As Diversas manifestações do brincar e as Suas Contribuições n Construção da Cultura Escolar: um estudo de caso em uma escola pública da zona rural do município de Serrinha, Bahia. Início: 2006. Dissertação (Mestrado em Educação e Contemporaneidade) - Universidade do Estado da Bahia, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia. (Coorientador).



Outras informações relevantes


1978-1983: Professora de ensino primário ou básico, em escolas privadas e em escolas oficiais vinculadas ao Ministério da Educacao em Portugal.

1994-1997: Educadora/Pesquisadora. Educacao Infantil. Centro de Estudos Casa Redonda, Sao Paulo. Construcao de Acervo de Imagem sobre Infância e o Lúdico, do qual resultaram várias exposicoes fotográficas em escolas e edicao de vários videos usados na formacao de professores.

1991-2001: Atividades de Pesquisa vinculadas ao Mari/Grupo de Educacao Indígena da USP, sob orientacao da Prof. Dra. Aracy Lopes da Silva, durante Graduacao e Mestrado, e participacao no Projeto Temático "Antropologia, História e Educacao: a questao indígena e a escola", financiado pela FAPESP.

Principais interesses temáticos: Antropologia da Infancia e da Crianca, Etnologia Indígena no Brasil, Educacao Intercultural.

Uso de fotografia e video como instrumento de pesquisa, divulgacao e formacao.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/11/2018 às 23:10:19