Marcia Regina Oliveira Santos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3547882206402409
  • Última atualização do currículo em 17/07/2018


Pesquisadora Científica do Instituto de Botânica,Núcleo de Pesquisa em Sementes, atua na área de pesquisa com Sementes Florestais Nativas. Graduada em Química pela Universidade Mackenzie, com Mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente, pelo Instituto de Botânica, São Paulo (2016). Tem experiência na área de Botânica, com ênfase em Tecnologia, Conservação e Fisiologia de Sementes Florestais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Marcia Regina Oliveira Santos
Nome em citações bibliográficas
SANTOS, M. R. O.;Santos, M.R.O.;Santos, M. R. de O.;SANTOS, MÁRCIA REGINA OLIVEIRA

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, Divisao de Dasonomia.
Rua do Horto, 931
Tucuruvi
02377-000 - Sao Paulo, SP - Brasil
Telefone: (011) 22318555
Ramal: 2086
Fax: (011) 22325767
URL da Homepage: www.iflorestal.sp.gov.br


Formação acadêmica/titulação


2018
Doutorado em andamento em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente.
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
Título: Fatores bióticos e bioquímicos relacionados à deterioração de sementes de Caesalpinia echinata Lam. (pau-brasil_,
Orientador: Claudio José Barbedo.
Palavras-chave: conservação de sementes; espécie nativa; armazenamento; viabilidade.
Grande área: Ciências Agrárias
Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura / Especialidade: Sementes Florestais.
Grande Área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitossanidade / Especialidade: Fitopatologia.
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.
2014 - 2016
Mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente.
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
Título: Taxas de deterioração de sementes de pau-brasil (Caesalpinia echinata Lam.) e sua influência na sua longevidade,Ano de Obtenção: 2016.
Orientador: Claudio José Barbedo.
1977 - 1991
Graduação em Química.
Universidade Presbiteriana Mackenzie, MACKENZIE, Brasil.




Formação Complementar


2014 - 2014
Extensão universitária em Workshop Interações Planta-Ar-Solo em Ecossistemas Antropizados. (Carga horária: 40h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
2012 - 2012
Estatística com o Programa R. (Carga horária: 16h).
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
2012 - 2012
Impactos Recorrentes na Conservação do Cerrado. (Carga horária: 4h).
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
2012 - 2012
Código Florestal - Meio Ambiente e Agricultura. (Carga horária: 6h).
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
2011 - 2011
A globalização e os impactos sobre a legislação fl. (Carga horária: 4h).
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
2010 - 2010
Legislação, Coleta e Manejo de Sementes Florestais. (Carga horária: 24h).
Embrapa Florestas, EMBRAPA, Brasil.
2010 - 2010
A globalização e os impactos sobre legislação flor. (Carga horária: 4h).
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
2010 - 2010
Análise de imagens em tecnologia de sementes. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Uberlândia, UFU, Brasil.
2010 - 2010
V Curso de Vigor para Semente de Soja. (Carga horária: 32h).
Embrapa Soja, EMBRAPA, Brasil.
2010 - 2010
A importância ecológica dos ambientes de exceção. (Carga horária: 4h).
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
2009 - 2009
Ilustração Botânica ? Nanquim e Grafite. (Carga horária: 15h).
Universidade Estadual de Feira de Santana, UEFS, Brasil.
2009 - 2009
Métodos de estudo de frugivoria e dispersão de sem. (Carga horária: 4h).
Sociedade de Ecologia do Brasil, SEB, Brasil.
2008 - 2008
Aspectos legais relacionados ao Manejo e Tecnologi. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
2007 - 2007
Utilização de Marcadores Moleculares em Estudos Po. (Carga horária: 5h).
Sociedade de Ecologia do Brasil, SEB, Brasil.
2003 - 2003
Tópicos Especiais em Biodiversidade e Conservação. (Carga horária: 60h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
2001 - 2001
Introdução aos métodos cromatográficos de análise. (Carga horária: 21h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
1997 - 1997
Bioquímica da Germinação de Sementes. (Carga horária: 60h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
1996 - 1996
Dormência e viabilidade de sementes. (Carga horária: 9h).
Sociedade Botânica de São Paulo, SBSP, Brasil.
1996 - 1996
Fisioecologia de Sementes. (Carga horária: 120h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
1995 - 1995
Morfologia de Frutos e Dispersão. (Carga horária: 60h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
1995 - 1995
Fotomorfogênese e Fotoperiodismo em Plantas. (Carga horária: 120h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
1995 - 1995
Tópicos Especiais em Biologia Vegetal. (Carga horária: 60h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
1994 - 1994
Produção e Tecnologia de Sementes. (Carga horária: 12h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
1994 - 1994
Morfologia e Anatomia de Sementes. (Carga horária: 120h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
1990 - 1990
Extensão universitária em Fisiologia do Parasitismo Vegetal. (Carga horária: 55h).
Instituto Biológico, IB, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Pesquisador Científico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1992 - 2007
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Assistente de Pesquisa Científica e Tecnológi, Carga horária: 40

Atividades

11/2017 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Pesquisa em Ecologia e Fisiologia, .


Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2017
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisador Científico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Seção de Silvicultura Laboratório de Sementes Florestais

Atividades

11/2007 - 11/2017
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Florestal de São Paulo, .



Linhas de pesquisa


1.
Conservação de sementes
2.
Fisiologia da germinação
3.
Tecnologia de sementes florestais
4.
Armazenamento de sementes
5.
Análise de qualidade e vigor


Projetos de pesquisa


2007 - Atual
Tecnologia de sementes de espécies florestais
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2011
Recuperação de Matas Ciliares do Estado de São Paulo
Descrição: O projeto apoia a restauração dos ecossistemas ciliares e dos agro-ecossistemas adjacentes através de ações estratégicas para o enfrentamento de questões-chave relacionadas à degradação e às suas causas. Financiando o custo incremental associado à restauração de florestas ciliares, o projeto irá ampliar o alcance das ações da linha de base por meio de: (a) desenvolvimento de uma política abrangente e de um sistema regulatório para possibilitar a implementação de mecanismos para o pagamento pelos serviços ambientais providos pelas florestas ciliares, focando em especial as necessidades dos pequenos agricultores; (b) formulação, teste e validação de modelos para a restauração de florestas ciliares; (c) ampliação da capacidade de produção de sementes e mudas de espécies nativas para assegurar o atendimento da demanda que será gerada pelo futuro programa de recuperação de matas ciliares; (d) implementação de manejo sustentável das terras para a redução das pressões sobre as florestas e as áreas agrícolas, por meio da implantação de projetos demonstrativos em pelo menos 15 microbacias; (e) fortalecimento da capacidade institucional e comunitária em relação às questões da degradação das terras e ampliação da conscientização pública sobre a necessidade de apoiar o manejo sustentável dos recursos naturais; e (f) ampliação da capacidade institucional de coordenação de intervenções inter-setoriais e de monitoramento e disseminação de resultados e impactos de projetos. Com a alternativa GEF, o Governo de São Paulo terá condições de desenvolver um programa inter-setorial capaz de gerar benefícios, tanto globais quanto nacionais. Haverá contribuição para a proteção de hotspots de biodiversidade de importância global, além de apoio ao país para o desenvolvimento de ferramentas e mecanismos adequados para incentivar a futura restauração de matas ciliares em larga escala, ao mesmo tempo proporcionando oportunidades adicionais para a melhoria das comunidades..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2002 - 2007
Estudo de florescimento, frutificação, germinação e conservação de sementes de espécies vegetais de mata tropical
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2002 - 2003
MODELOS DE REPOVOAMENTO VEGETAL PARA PROTEÇÃO DE SISTEMAS HÍDRICOS EM ÁREAS DEGRADADAS DOS DIVERSOS BIOMAS NO ESTADO DE SÃO PAULO
Descrição: Desenvolver metodologias para reucperação flroestal com o uso de espécies nativas. Cadastramento, sistematização e atualização dos resultados obtidos em projeto já desenvolvidos ou em desenvolvimento sobre a recuperação de áreas degradadas. Fornecimento de subsídios pra definição de normas e procedimentos técnico-científicos pela SMA/SP..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1997 - 1998
Modelos Aplicados de Repovoamento Vegetal em Áreas Degradadas e Remanescentes Florestais
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1993 - 1999
Tecnologia de Produção de Sementes de Espécies Nativas em Diferentes Formações florestais no Brasil
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1992 - 1998
Estudos Ecofisiológicos Integrados visando o repovoamento Vegetal em Áreas sob Impacto Ambiental
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2000 - 2003
Viabilização e Sistematização de repovoamento Vegetal com Espécies Nativas em àreas Críticas do Estado de São Paulo
Descrição: O projeto teve como objetivo promover pesquisas sobre produção de sementes e mudas, aliadas à investigação sobre melhores modelos de reflorestamento heterogêneos, com espécies regionais em pleo menos 5 regiões do estado de São Paulo, abrangendo os diferentes biomas do Estado, envolvendo inclusive atividades voltadas à formação de agentes multiplicadores de informações, através de cursos de capacitação. Promover estudos em formações florestais naturais em restinga, manguezal, cerrado, flroresta atlântica, matas ciliares e outras formações florestais de interior..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
1998 - 1998
Atualização de Professores de 2º Grau da rede Pública de ensino de Santo André, em Ecologia Vegetal
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Projetos de desenvolvimento


2004 - Atual
ESTABELECIMENTO DE PARÂMETROS DE AVALIAÇÃO E MONITORAMENTO PARA REFLORESTAMENTOS INDUZIDOS VISANDO O LICENCIAMENTO AMBIENTAL
Descrição: Estabelecimento de parâmetros facilitadores do planejamento, avaliação e licenciamento ambiental, tanto na esfera governamental (Estado e Município) quanto para a iniciativa privada (empresas e instituições parceiras ou não) envolvendo a identificação de obstáculos e dificuldades sócio-ambientais bem como suas soluções através de políticas públicas a serem estabelecidas com fundamentação metodológica nos resultados de pesquisa e em atividades desenvolvidas neste projeto. Investigação em projetos pilotos de recuperação de áreas degradadas nos municípios parceiros e estudos de modelos de reflorestamento, produção de sementes e mudas estão previstos no projeto que agrega conhecimentos necessários para serem utilizados pela SMA em procedimentos de licenciamento..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Especialização: (5) / Mestrado acadêmico: (5) / Mestrado profissional: (8) / Doutorado: (8) .
Integrantes: Marcia Regina Oliveira Santos - Integrante / José Marcos Barbosa - Integrante / Luiz Mauro Barbosa - Coordenador / Nelson Augusto dos Santos Junior - Integrante / Karina Cavalheiro Barbosa - Integrante / José Carlos Casagrande - Integrante / Rose Mary Reis Duarte - Integrante / Suzana Ehlin Martins - Integrante / Eduardo Luis Martins Catharino - Integrante / Ricardo Ribeiro Rodrigues - Integrante / Hilton Thadeu Zarate do Couto - Integrante / Lilian Maria Asperti - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Conservação da Natureza.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura/Especialidade: Sementes Florestais.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Vegetal/Especialidade: Ecofisiologia Vegetal.
4.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: TECNOLOGIA DE SEMENTES FLORESTAIS.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Botânica Aplicada/Especialidade: Tecnologia de Sementes.
6.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Produção e Beneficiamento de Sementes.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
6BARBEDO, C.J.2017 BARBEDO, C.J. ; SANTOS, M. R. O. . Taxas de deterioração de sementes de pau-brasil (Caesalpinia echinata Lam.) sob elevadas temperaturas. HOEHNEA (SÃO PAULO), v. 44(3), p. 449, 2017.

2.
1SANTOS, MÁRCIA REGINA OLIVEIRA2017SANTOS, MÁRCIA REGINA OLIVEIRA; BARBEDO, CLAUDIO JOSÉ . Deterioration rates of brazilwood seeds (Caesalpinia echinata Lam.) under high temperatures. HOEHNEA, v. 44, p. 449-463, 2017.

3.
3BARBOSA, J. M.1998BARBOSA, J. M. ; SILVA, T. S. ; BARBEDO, C. J. ; SANTOS, M. R. O. . Germinação e capacidade de sobrevivência em campo de sementes de duas gramíneas (Poaceae) invasoras: `Cenchrus Echinatus' L. e `Paspalum Urvllei' Stend.. ECOSSISTEMA (UNIPINHAL), Espírito Santo do Pinhal/SP, v. 23, p. 3-9, 1998.

4.
2PAOLI, A. A. S.1998 PAOLI, A. A. S. ; SANTOS, M. R. O. . Caracterização morfológica de frutos, sementes e plântulas de Sapindus saponaria L. (Sapindaceae)?. Revista Brasileira de Sementes (Impresso), v. 20, p. 385-391, 1998.

5.
4SILVA, T. S.1995SILVA, T. S. ; BARBOSA, J. M. ; BARBEDO, C.J. ; SANTOS, M. R. O. . Germinação e emergência de plântulas de gramíneas (Poaceae) invasoras:Brachiaria Plantaginea (Link) Hithc. e Eleusine Indica (L.) Gaertn.. ECOSSISTEMA (UNIPINHAL), Espírito Santo do Pinhal, v. 20, p. 10-18, 1995.

6.
5BARBOSA, L. M.1994 BARBOSA, L. M. ; VIRIATO, A. ; SANTOS, M. R. O. . Quantificação de micorrizas vesículo-arbusculares (MVA) em culturas sob mato-competição. ECOSSISTEMA (UNIPINHAL), v. 19, p. 128-135, 1994.

7.
7BARBOSA, L. M.1991 BARBOSA, L. M. ; SANTOS, M. R. O. . Estudos quali-quantitativos da ocorrência de fungos micorrízicos vesículo-arbusculares (MVA) na cultura do amendoinzeiro sob mato-competição. HOEHNEA (SÃO PAULO), v. 18, p. 189-200, 1991.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, M. R. O.; GUARDIA, M. C. ; SCAF, M. F. ; FIGLIOLIA, M. B. ; ASPERTI, L. M. ; LORZA, R. F. ; OLIVA, A. . A regulamentação da coleta de sementes em Unidades de Conservação: uma realidade para o Estado de São Paulo. In: VI Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação, 2009, Curitiba. VI Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação, Anais, 2009.

2.
SANTOS, M. R. O.; GUARDIA, M. C. ; SCAF, M. F. ; ASPERTI, L. M. ; FIGLIOLIA, M. B. ; LORZA, R. F. ; OLIVA, A. . Estabelecimento de critérios para a coleta de sementes em Unidades de Conservação no Estado de São Paulo. In: IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009, São Lourenço. IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009. p. 1-3.

3.
ASPERTI, L. M. ; SANTOS, M. R. O. ; LOTTI, D. M. ; MIGLIARI, A. C. ; REIS, M. A. C. ; ROSA, A.C. . Desenvolvimento de espécies climácias em subosque de Eucalyptus grandis. In: IV Simpósio Nacional sobre Recuperação de Áreas Degradadas, 2000, Blumenau. IV Simpósio Nacional sobre Recuperação de Áreas Degradadas. Curitiba: SOBRADE, 2000. v. 1.

4.
BARBOSA, L. M. ; SANTOS, M. R. O. ; LOTTI, D. M. ; ASPERTI, L. M. . ?Comportamento inicial de espécies arbóreas nativas em comunidades implantadas e seu potencial de utilização?. In: III Simpósio Nacional de Recuperação de Áreas Degradadas, 1997, Ouro Preto. III Simpósio Nacional de Recuperação de Áreas Degradadas, Anais. Ouro Preto: SOBRADE, 1997. p. 384-402.

5.
BARBOSA, J. M. ; SANTOS, M. R. O. ; FERREIRA, M. F. ; PETERS, J. A. . ?Efeito da submersão em água sobre o vigor e sobrevivência de sementes de espécies nativas utilizadas em recuperação de áreas degradadas?. In: III Simpósio Nacional de Recuperação de Áreas Degradadas, 1997, Ouro Preto. III Simpósio Nacional de Recuperação de Áreas Degradadas, Anais. Ouro Preto: SOBRADE, 1997. p. 367-372.

6.
BARBOSA, L. M. ; ASPERTI, L. M. ; SANTOS, M. R. O. . ?Estudo comparativo do comportamento de comunidades florestais implantadas com espécies nativas em três modelos de plantio?. In: III Simpósio Nacional de Recuperação de Áreas Degradadas, 1997, Ouro Preto. III Simpósio Nacional de Recuperação de Áreas Degradadas, Anais. Ouro Preto: SOBRADE, 1997. p. 377-383.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
BARBOSA, L. M. ; BARBOSA, J. M. ; ASPERTI, L. M. ; PISCIOTTANO, W. A. ; SANTOS, M. R. O. ; VUONO, Y. S. ; CHITOLINA F°, R. . Estudos ecofisiológicos visando o repovoamento vegetal em áreas degradadas. In: 2a Reunião sobre Pesquisa Ambiental na SMA, 1999, São Paulo. 2a Reunião sobre Pesquisa Ambiental na SMA, 1999. p. 147-151.

2.
BARBOSA, J. M. ; SANTOS, M. R. O. ; PISCIOTTANO, W. A. ; BARBOSA, L. M. ; SANTOS, S. R. G. . ?Estabelecimento de indivíduos de Inga uruguensis Hook. et Arn. A partir do plantio de sementes em uma área ciliar degradada, considerando diferentes condições de luz e umidade do solo?. In: 4° Simpósio Internacional sobre Ecossistemas Florestais, 1996, Belo Horizonte. Forest - 4° Simpósio Internacional sobre Ecossistemas Florestais, 1996. p. 291-293.

3.
BARBOSA, L. M. ; ASPERTI, L. M. ; SANTOS, M. R. O. ; SERRA Fº, R. . ?Repovoamento vegetal em área ciliar e regeneração natural de várzeas devastadas e cultivadas?. In: 4° Simpósio Internacional sobre Ecossistemas Florestais, 1996, Belo Horizonte. Forest - 4° Simpósio Internacional sobre Ecossistemas Florestais, 1996. p. 241-242.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, M. R. O.; ESPOSITO, M. P. ; BARBEDO, C. J. . Vigor tests in Acosmium subelegans seeds. In: 10th Conference of the International Seed Science Society - ISSS, 2011, Costa do Sauípe - BA. 10th Conference of the International Seed Science Society, Annals, 2011.

2.
SANTOS, M. R. O.; SILVA, R. G. ; SILVA, R. P. . Testes de condutividade elétrica em espécies de ipê. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal - RN. Informativo Abrates. Pelotas: ABRATES, 2011.

3.
SANTOS, M. R. O.; DALE, P. J. . A produção de sementes florestais, no âmbito da Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, como instrumento de restauração de ambientes. In: IV Simpósio de Restauração Ecológica, 2011, São Paulo. IV Simpósio de Restauração Ecológica, Anais, 2011.

4.
ASPERTI, L. M. ; SANTOS, M. R. O. . PRODUÇÃO DE MUDAS DE ACACIA POLYPHYLLA DC. (FABACEAE) EM DIFERENTES SUBSTRATOS E CONDIÇÕES DE LUMINOSIDADE. In: 61º Congresso Nacional de Botânica, 2010, Manaus - AM. 61º Congresso Nacional de Botânica, Anais, 2010.

5.
SILVA, A. L. ; SILVA, S. D. S. R. ; SANTOS, M. R. O. . EFEITO DA TEMPERATURA E DO SUBSTRATO NA GERMINAÇÃO DE Gochnatia polymorpha (Less.) Cabrera (ASTERACEAE: GOCHNATIEAE). In: 61º Congresso Nacional de Botânica, 2010, Manaus - AM. 61º Congresso Nacional de Botânica, Anais, 2010.

6.
CALDAS, I. G. R. ; MORI, E. S. ; SANTOS, M. R. O. . Adequação de protocolo para análise de sementes de Esenbeckia leiocarpa Engl. (guarantã). In: XVIII Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo, 2010, São Paulo. XVIII Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo, Anais. São Paulo, 2010.

Artigos aceitos para publicação
1.
SANTOS, M. R. O.; BARBEDO, C. J. . Taxa de deterioraçãode sementes de pau-brasil (Caesalpinia echinata Lam.) sob elevadas temperaturas. HOEHNEA, 2017.

Apresentações de Trabalho
1.
Santos, M.R.O.; BARBEDO, C.J. . Avaliação da deterioração de sementes de pau-brasil (Caesalpinia echinata Lam.) pelo teste de tetrazólio.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
Santos, M.R.O.; Petri, L. ; BARBEDO, C. J. . Relação entre tamanho e velocidade de embebição em sementes de uvaieira (Eugenia pyriformis Cambess.) Santos, M.R.O.; Petri, L.; Barbedo, C.J.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
Santos, M.R.O.; SANTOS, S. R. G. . Produção de recursos genéticos vegetais do Instituto Florestal. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
SCAF, M. F. ; SANTOS, M. R. O. ; SUMIDA, S. S. . Estudo da conservação e estrutura da população Roupala montana Aubl. (Proteaceae) na Reserva Biológica de Mogi-Guaçu, SP, Brasil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
SANTOS, M. R. O.; Petri, L. . Embebição de sementes de Eugenia pyriformis Cambess. (uvaia) de diferentes tamanhos. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
ASPERTI, L. M. ; SANTOS, M. R. O. . Escobedia grandiflora (L.f.) Kuntze - germinação de sementes resgatadas no Rodoanel Mário Covas - trecho norte. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
SANTOS, M. R. O.; ASPERTI, L. M. . Germinação de sementes de Escobedia grandiflora (L.f.) Kuntze - espécie presumivelmente extinta no Estado de São Paulo. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
SANTOS, M. R. O.; CASTRO, A. G. ; ALMEIDA, E. M. R. . Mudas de espécies florestais - produção e destinação no Instituto Florestal. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

9.
SANTOS, M. R. O.. Dispersão e dormência de sementes florestais. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
Santos, M.R.O.; BARBEDO, C. J. ; ESPOSITO, M. P. . Vigor tests in Acosmium subelegans seeds. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
SANTOS, M. R. O.; DALE, P. J. . A produção de sementes florestais, no âmbito da Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, como instrumento de restauração de ambientes. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

12.
SANTOS, M. R. O.; SILVA, R. G. ; SILVA, R. P. . Testes de condutividade elétrica em espécies de ipê. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
SANTOS, M. R. O.; ESPOSITO, M. P. ; BARBEDO, C. J. . Evaluation of vigor tests for Acosmium subelegans seeds (Fabaceae). 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

14.
SANTOS, M. R. O.; FALCHI, I. S. ; SILVA, A. ; FIGLIOLIA, M. B. ; SANTOS, S. R. G. . Proposição do Programa de Produção de Sementes e Mudas do Instituto Florestal. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
SANTOS, M. R. O.. Análise da qualidade das sementes ? testes de laboratório. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
ASPERTI, L. M. ; SANTOS, M. R. O. . Produção de mudas de Acacia polyphylla DC. (Fabaceae) em diferentes substratos e condições de luminosidade. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
SILVA, A. L. ; SILVA, S. D. S. R. ; SANTOS, M. R. O. . Efeito da temperatura e substrato na germinação de Gochnatia polymorpha (Less.) Cabrera (Asteraceae: Gochnatiae). 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

18.
CALDAS, I. G. R. ; MORI, E. S. ; SANTOS, M. R. O. . Adequação de protocolo para análise de sementes de Esenbeckia leiocarpa Engl.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

19.
SANTOS, M. R. O.; GUARDIA, M. C. ; SCAF, M. F. ; ASPERTI, L. M. ; FIGLIOLIA, M. B. ; LORZA, R. F. ; OLIVA, A. . Estabelecimento de critérios para a coleta de sementes em unidades de conservação no estado de São Paulo. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

20.
SANTOS, M. R. O.; ASPERTI, L. M. . Germinação de sementes de espécies florestais nativas em laboratório, comparada à emergência em viveiro. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
ASPERTI, L. M. ; SANTOS, M. R. O. . Produção de mudas de Peltophorum dubium (Fabaceae) em diferentes substratos e intensidades de insolação. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

22.
SANTOS, M. R. O.. Resolução SMA 68/ 2008 - Colheita de Sementes em Unidades de Conservação. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
SANTOS, M. R. O.; ASPERTI, L. M. . Produção de mudas de embaúba - Cecropia pachystachya Trec. em diferentes substratos e condições de luminosidade. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

24.
SANTOS, M. R. O.; ASPERTI, L. M. . Produção de mudas de Enterolobium contortisiliquum (Vell.) Morong.(Leguminosae - Mimosoideae). 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

25.
SANTOS, M. R. O.; BARBOSA, J. M. ; BARBOSA, L. M. ; ZELLER, M. F. B. ; ASPERTI, L. M. . Análise de sementes de Acosmium dasycarpom (Vog.) Yakol em diferentes substratos e temperaturas, considerando o período e condições de armazenamento. 1994. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

26.
BARBOSA, J. M. ; SILVA, T. S. ; BARBOSA, L. M. ; BARBEDO, C. J. ; SANTOS, M. R. O. . Germinação e emergência de plântulas de gramíneas (Poaceae) invasoras: Brachiaria plantaginea (Link) Hithc. e Eleusine indica (L.) Gaertn.. 1994. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

27.
PINHO, R. A. ; BARBOSA, J. M. ; BARBOSA, L. M. ; SILVA, T. S. ; MACEDO, M. C. ; SANTOS, M. R. O. ; ASPERTI, L. M. . Avaliação fisiológica de sementes de Genipa americana L., considerando os efeitos de substratos e temperaturas de germinação. 1994. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
SANTOS, M. R. O.; SILVA, A. . A árvore começa com a semente - Dispersão e dormência de sementes florestais. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
SANTOS, M. R. O.. Capacitação para coleta de sementes e produção de mudas - Análise de sementes florestais. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
SANTOS, M. R. O.. Curso de atualização em recuperação de áreas degradadas com ênfase em mata ciliar. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
SANTOS, M. R. O.. Curso de atualização em recuperação de áreas degradadas com ênfase em mata ciliar. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
SANTOS, M. R. O.. Curso de capacitação para instrutores de colhedores de sementes. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
SANTOS, M. R. O.. Atualização emrecuperação de áreas degradadas com ênfase em matas ciliares do interior paulista. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
SANTOS, M. R. O.. Atualização em recuperação de áreas degradadas com ênfase em matas ciliares do interior paulista. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

8.
SANTOS, M. R. O.. Tecnologia de produção de sementes de espécies nativas. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

9.
SANTOS, M. R. O.. Análise de Sementes de espécies arbóreas - Morfologia de sementes e avaliação de plântulas. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
III Congresso Brasileiro de Recursos Genéticos. Estudo da conservação e estrutura da população Roupala montana Aubl. (Proteaceae) na Reserva Biológica de Mogi0Guaçu, SP, Brasil. 2014. (Congresso).

2.
V Simpósio de Restauração Ecológica.Escobedia grandiflora (L.f.) Kuntze - germinação de sementes resgatadas no Rodoanel Mário Covas - trecho norte. 2013. (Simpósio).

3.
XVIII Congresso Brasileiro de Sementes.Germinação de sementes de Escobedia grandiflora (L. f.) Kuntze ? espécie presumivelmente extinta no Estado de São Paulo. 2013. (Seminário).

4.
10th CONFERENCE OF THE INTERNATIONAL SOCIETY FOR SEED SCIENCE - ISSS. Vigor tests in Acosmium subelegans seeds. 2011. (Congresso).

5.
IV Simpósio de Restauração Ecológica.A produção de sementes florestais, no âmbito da Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, como instrumento de restauração de ambientes. 2011. (Simpósio).

6.
IV Simpósio de Restauração Ecológica - IBt.A produção de sementes florestais, no âmbito da Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo, como instrumento de restauração de ambientes. 2011. (Simpósio).

7.
XVII Congresso Brasileiro de Sementes. Teste de condutividade elétrica em espécies de ipê. 2011. (Congresso).

8.
17ª Reunião Anual do Instituto de Botânica: ?Biodiversidade: uma missão intitucional?.Efeito da temperatura e substrato na germinação de Gochnatia polymorpha (Less.) Cabrera (Asteraceae: Gochnatiae). 2010. (Outra).

9.
61º Congresso Nacionalde Botânica. PRODUÇÃO DE MUDAS DE ACACIA POLYPHYLLA DC. (FABACEAE) EM DIFERENTES SUBSTRATOS E CONDIÇÕES DE LUMINOSIDADE. 2010. (Congresso).

10.
Impactos potenciais das alterações do Código Florestal Brasileiro na biodiversidade e nos serviços ecossistêmicos. 2010. (Seminário).

11.
XVIII Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo. Adequação de protocolo para análise de sementes de Esenbeckia leiocarpa Engl.. 2010. (Congresso).

12.
VI Congresso Latino-Americano de Botanica. Análise de sementes de Acosmium dasycarpom (Vog.) Yakol em diferentes substratos e temperaturas, considerando o período e condições de armazenamento. 1994. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CASTRO, A. G. ; ALMEIDA, E. M. R. ; SANTOS, M. R. O. . Oficina de Produção de Mudas Florestais. 2012. (Outro).

2.
SANTOS, M. R. O.; DALE, P. J. . Treinamento em colheita e manejo de sementes florestais. 2011. (Outro).

3.
SANTOS, M. R. O.; DALE, P. J. ; FALCHI, I. S. . Oficina para elaboração de diretrizes para o Plano de Ação sobre Sementes e Mudas do Instituto Florestal. 2011. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Iniciação científica
1.
Anderson Lourenço da Silva. EFEITO DA TEMPERATURA E DO SUBSTRATO NA GERMINAÇÃO DE Gochnatia polymorpha (Less.) Cabrera (ASTERACEAE: GOCHNATIEAE). Início: 2010. Iniciação científica (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho, Fundação do Desenvolvimento Admnistrativo. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Isliana Griebler Ribeiro Caldas. Adequação de protocolo para análise de sementes de Esenbeckia leiocarpa Engl. (guarantã). 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal - campus de Botucatu) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Marcia Regina Oliveira Santos.

Iniciação científica
1.
Rodrigo Pereira da Silva. Análise de qualidade de sementes de espécies de Tabebuia. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Floestal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Marcia Regina Oliveira Santos.

2.
Raquel Gonçalves Silva. Análise de vigor em sementes de Handroanthus spp - Bignoniaceae. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Floestal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Orientador: Marcia Regina Oliveira Santos.

3.
Anderson Lourenço da Silva. Análises laboratoriais de sementes de espécies florestais - germinação de Gochnatia polimorpha (candeia). 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Marcia Regina Oliveira Santos.

4.
Paula Carolina Favaretto Santos. Validação de Métodos de Análise de Sementes. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal - campus de Sorocaba) - Universidade Federal de São Carlos. Orientador: Marcia Regina Oliveira Santos.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
1SANTOS, MÁRCIA REGINA OLIVEIRA2017SANTOS, MÁRCIA REGINA OLIVEIRA; BARBEDO, CLAUDIO JOSÉ . Deterioration rates of brazilwood seeds (Caesalpinia echinata Lam.) under high temperatures. HOEHNEA, v. 44, p. 449-463, 2017.


Apresentações de Trabalho
1.
SANTOS, M. R. O.. Dispersão e dormência de sementes florestais. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
SANTOS, M. R. O.; SILVA, A. . A árvore começa com a semente - Dispersão e dormência de sementes florestais. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
SANTOS, M. R. O.. Capacitação para coleta de sementes e produção de mudas - Análise de sementes florestais. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
SANTOS, M. R. O.. Curso de atualização em recuperação de áreas degradadas com ênfase em mata ciliar. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
SANTOS, M. R. O.. Curso de atualização em recuperação de áreas degradadas com ênfase em mata ciliar. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
SANTOS, M. R. O.. Curso de capacitação para instrutores de colhedores de sementes. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
SANTOS, M. R. O.. Atualização emrecuperação de áreas degradadas com ênfase em matas ciliares do interior paulista. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
SANTOS, M. R. O.. Análise de Sementes de espécies arbóreas - Morfologia de sementes e avaliação de plântulas. 1996. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

8.
SANTOS, M. R. O.. Tecnologia de produção de sementes de espécies nativas. 1998. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

9.
SANTOS, M. R. O.. Atualização em recuperação de áreas degradadas com ênfase em matas ciliares do interior paulista. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 14/12/2018 às 22:51:49