Regina Maria Barbosa

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2994504949378397
  • Última atualização do currículo em 01/10/2018


Graduação em Medicina pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1975), mestrado em Medicina Social pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1990) e doutorado em Saúde Coletiva pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1997). Pesquisadora A da Universidade Estadual de Campinas/Núcleo de Estudos de População Elza Berquó, onde de 2009 a 2011 ocupou o cargo de direção de unidade. Pertence ao corpo editorial das revistas: Cadernos de Saúde Pública e Culture, Health & Sexuality. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Saúde Reprodutiva, atuando principalmente nos seguintes temas: aids, sexualidade, gênero, saúde reprodutiva e políticas públicas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Regina Maria Barbosa
Nome em citações bibliográficas
BARBOSA, R. M.;Barbosa, Regina Maria;Barbosa, Regina M.;Barbosa, Regina;BARBOSA, REGINA MARÍA;MARIA BARBOSA, REGINA

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Estadual de Campinas, Reitoria, Núcleo de Estudos de População.
Av. Albert Einstein, 1300
Cidade Universitária
13081970 - Campinas, SP - Brasil - Caixa-postal: 6166
Telefone: (19) 37885907
Fax: (19) 37885900
URL da Homepage: http://


Formação acadêmica/titulação


1993 - 1997
Doutorado em Saúde Coletiva.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Negociação Sexual ou Sexo Negociado: sexualidade e gênero em tempos de Aids, Ano de obtenção: 1997.
Orientador: Richard Parker.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Aids e sexualidade; Comportamento reprodutivo e Aids.
Grande área: Ciências da Saúde
Setores de atividade: Saúde Humana.
1987 - 1990
Mestrado em Saúde Coletiva.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Mulher e Contracepção: Entre o Técnico e o Político,Ano de Obtenção: 1990.
Orientador: Maria Andrea Loyola.
Palavras-chave: Mulher; Contracepção.
Setores de atividade: Saúde Humana.
1976 - 1977
Especialização em Psiquiatria.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1970 - 1975
Graduação em Medicina.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.


Pós-doutorado


2004 - 2004
Pós-Doutorado.
Columbia University, COLUMBIA, Estados Unidos.
Bolsista do(a): National Institute Of Health, NIH, Estados Unidos.
Grande área: Ciências da Saúde


Formação Complementar


1993 - 1994
Epidemiology I. (Carga horária: 120h).
School Of Public Health Berkeley, U.C., Estados Unidos.
1993 - 1994
Biostatistics. (Carga horária: 120h).
School Of Public Health Berkeley, U.C., Estados Unidos.
1993 - 1993
Metodologia de Pesquisa Sociocomportamental Aids. (Carga horária: 60h).
University California San Francisco-Center for Aids Prevention, UCSF-CAPS, Estados Unidos.


Atuação Profissional



University of California, San Diego, UCSD, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisador B, Carga horária: 40

Vínculo institucional

1997 - 2006
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisadora III, Carga horária: 40

Atividades

1998 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Reitoria, Núcleo de Estudos de População.

09/2009 - 07/2011
Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Avaliação Interdisciplinar CAI/CONSU.
07/2009 - 07/2011
Direção e administração, Núcleo de Estudos de População, .

Cargo ou função
Diretor de Unidade.
2002 - 2011
Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, Núcleo de Estudos de População.

Cargo ou função
Membro do Conselho Superior.
08/2006 - 06/2009
Direção e administração, Núcleo de Estudos de População, .

Cargo ou função
Coordenadora associada.
2002 - 2009
Pesquisa e desenvolvimento , Reitoria, Núcleo de Estudos de População.

2002 - 2005
Ensino, Demografia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em demografia I (doutorado)
Tópicos Especiais em demografia II (doutorado)

Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, SES-SP, Brasil.
Vínculo institucional

1985 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Médica sanitarista, Carga horária: 20

Atividades

10/2005 - 01/2007
Direção e administração, Coordenadoria de Ciência Tecnologia e Insumos Estratégicos, Instituto de Saúde.

Cargo ou função
Diretor adjunto do Instituto de Saúde.
2000 - 2005
Direção e administração, Centro de Referência e Treinamento Dst Aids, Unidade de Pesquisa de Vacinas de Aids.

Cargo ou função
Co-coordenador da Unidade de Pesquisa de Vacina de AIDS.

Associação Brasileira de Saúde Coletiva, ABRASCO, Brasil.
Vínculo institucional

1995 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Outro

Atividades

2001 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Associação Brasileira de Saúde Coletiva, .

Cargo ou função
Membro do GT Gênero e Saúde.
2001 - 2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comissão Intersetorial de Saúde da Mulher Conselho Nacional de Saúde, .

Cargo ou função
Representante da ABRASCO na Comissão Intersetorial de Saúde da Mulher Conselho Nacional de Saúde (CISMU-CNS).

Ministério da Saúde, MS, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0

Atividades

2004 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programa Nacional Dst Aids, .

Cargo ou função
Comitê assessor de pesquisa do PNDST/AIDS.
2002 - 2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programa Nacional Dst Aids, .

Cargo ou função
Comitê assessor para ações de prevenção das DST/HIV/AIDS junto à mulheres.

Associação Brasileira Interdisciplinar de Aids, ABIA, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Conselho Curador

Atividades

2005 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Associação Brasileira Interdisciplinar de Aids, .

Cargo ou função
Vice-presidente.

Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 0

Vínculo institucional

1994 - 1998
Vínculo: Pesquisador visitante, Enquadramento Funcional: Pesquisador Visitante, Carga horária: 20
Outras informações
Pesquisadora visitante do Instituto de Medicina Social

Atividades

7/2004 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Medicina Social, Centro Latino Americano Em Sexualidade e Direitos Jumanos.

Cargo ou função
Membro do Conselho Editorial da Coleção Sexualidade, Gênero e Sociedade/Editora Garamond.
1/2004 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Medicina Social, Centro Latino Americano Em Sexualidade e Direitos Jumanos.

Cargo ou função
Membro de Comitê Consultivo do CLAM.
1/2004 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Medicina Social, Centro Latino Americano Em Sexualidade e Direitos Jumanos.

Cargo ou função
Membro do Conselho Editorial do Boletim Sexualidade, Gênero e Sociedade.
2006 - 2006
Serviços técnicos especializados , Instituto de Psicologia, Centro de Educação e Humanidades.

Serviço realizado
Parecerista ad hoc da Revista Estudos e Pesquisas em Psicologia.
1994 - 1998
Direção e administração, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, .

Cargo ou função
Coordenação do Programa de Estudos e Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde.
3/1994 - 1997
Direção e administração, Centro Biomédico, Instituto de Medicina Social.

Cargo ou função
Editora do Boletim Sexualidade, Gênero e Sociedade.

SOS Corpo - Instituto Feminista para a Democracia, SOS Corpo, Brasil.
Vínculo institucional

1981 - 1984
Vínculo: Co-investigadora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 0
Outras informações
Pesquisa financiada pela Fundação Ford e SOS Corpo.


University of California System, UC System, Estados Unidos.
Vínculo institucional

1993 - 1994
Vínculo: Professor visitante da School, Enquadramento Funcional: Professor visitante, Carga horária: 40


Secretaria Municipal de Saude, SMS-OLINDA, Brasil.
Vínculo institucional

1981 - 1985
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Médica, Carga horária: 20

Atividades

1981 - 1985
Serviços técnicos especializados , Secretaria Municipal de Saude, .

Serviço realizado
Coodenador de Projeto de Saúde Comunitária.


Linhas de pesquisa


1.
Mulheres, cuidados à saúde, gênero e diversidade sexual
2.
AIDS, gênero e comportamento sexual


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Viabilidade e Aceitabilidade do Autoteste do HIV em Espaços Comunitários na cidade de São Paulo- Projeto FAST
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2018 - Atual
Práticas em prevenção e contracepção de mulheres no município de São Paulo: elaboração de plano de ação a partir da integração de dados de estudos de base populacional e de serviços de saúde
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - 2018
Double vulnerabilities of violence and HIV among women in Brazil: A latent class analysis
Descrição: O presente estudo tem por objetivo identificar tipologias de violência vivida pelas mulheres e identificar fatores de risco e de proteção para cada tipologia identificada a partir de análise secundária de dados produzidos por duas pesquisas similares conduzidas em São Paulo e Porto Alegre entre 2011 e 2014, que entrevistaram 3.323 mulheres. A pesquisa em São Paulo foi coordenada por mim, no Núcleo de Estudos de População da UNICAMP e financiada pela Fapesp e pelo CNPq. Em Porto Alegre, o estudo foi coordenado pela Dra. Daniela Knauth, no Departamento de Epidemiologia da Faculdade de Medicina da UFRGS e financiado pelo CNPq. Além destas duas instituições nacionais, a atual proposta envolve parceria com as pesquisadoras Jamila K. Stockman e Kiyomi Tsuyuki, ambas da Division of Global Public Health/School of Medicine/University of California, San Diego, através de financiamento do Banco Mundial em julho de 2016. O estudo será o primeiro a usar latent class analysis para identificar tipologias de experiências cumulativas de violência/vitimização entre as mulheres no Brasil..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2016
Estudo GENIH: práticas e decisões relativas à saúde sexual e reprodutiva no contexto da epidemia de HIV/AIDS no município de São Paulo
Descrição: Tendo como ponto de partida o contexto de feminização da epidemia do HIV/Aids e a carência de estudos sobre as implicações deste diagnóstico nas decisões relativas à saúde sexual e reprodutiva das mulheres, o presente projeto propõe investigar aspectos da saúde sexual e reprodutiva de mulheres vivendo com HIV/Aids (MVHA) e comparando-os com mulheres soronegativas para o HIV, ou não vivendo com HIV/Aids (MNVHA. Especial atenção será dada à influência de dimensões do contexto social e relacional dessas mulheres, particularmente a presença de situações de violência de gênero sofrida, e do contexto institucional de cuidado à saúde nas práticas sexuais e reprodutivas de mulheres de ambos os grupos. Neste sentido, são objetivos específicos desta pesquisa: 1. Comparar características sociodemográficas e de comportamento sexual e reprodutivo de MVHA e MNVHA, incluindo acesso e uso de métodos contraceptivos, a ocorrência de gravidez não planejada, e histórico de interrupção de gestação; 2. Descrever e comparar a proporção de MVHA e MNVHA que relatam situações de violência psicológica, física e/ou sexual sofrida e a associação desses episódios com aspectos da saúde sexual e reprodutiva de MVHA e MNVHA; 3. Entre MVHA, investigar a especificidade da infecção pelo HIV/AIDS nas decisões e práticas relacionadas à vida sexual e reprodutivas dessas mulheres; 4. Investigar a associação de características dos serviços de saúde e da assistência à saúde sexual e reprodutiva de MVHA e MNVHA com suas práticas/decisões contraceptivas e reprodutivas. 5. Investigar e comparar entre MVHA e MNVHA os fatores individuais, relacionais, sociais e programáticos/institucionais associados a práticas contraceptivas em uso, a ocorrência de gravidez não planejada e ao histórico de interrupção de gestação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Tânia Giacomo Lago - Integrante / Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro Bastos - Integrante / Simone Souza Monteiro - Integrante / Naila Janilde Seabra Santos - Integrante / Adriana Pinho - Integrante / Tirza Aidar - Integrante / Kiyomi Tsuyuki - Integrante / Cristiane Cabral - Integrante / Luciana Alves - Integrante / Pedro Gomes Andrade - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2009 - 2011
Avaliação da oferta do preservativo feminino
Descrição: O projeto tem por objetivo analisar oferta do preservativo feminino pelo Ministério da Saúde, como parte do processo mais amplo de enfrentamento da feminização da epidemia de HIV/Aids, de forma a produzir subsídios para a avaliação e, se necessário, reorientação da ação do governo nessa área. Pretende-se ainda produzir informações que possibilitem o desenho de um projeto de pesquisa mais amplo sobre o acesso e aceitabilidade do preservativo feminino no Brasil. Contempla a realização de análise documental e visitas a gestores, coordenadores e técnicos para identificar os processos de articulação entre diferentes instâncias de gestão - Área Técnica de Saúde da Mulher, Programa Nacional de DTS/Aids e Secretaria Especial de Políticas para Mulheres, e os fluxos de distribuição e dispensação do preservativo feminino..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2011
Os serviços de saúde face às demandas de saúde sexual e reprodutiva das mulheres soropositivas para o HIV
Descrição: O aumento da sobrevida dos portadores do HIV proporcionada pela terapia antiretroviral coloca novas possibilidades de relacionamentos afetivo sexuais e decisões reprodutivas às pessoas vivendo com HIV/Aids e novas demandas aos serviços e profissionais da saúde. Nos últimos anos, vários estudos procuraram avaliar o impacto do diagnóstico de soropositividade para o HIV sobre as mulheres, particularmente no que concerne às decisões reprodutivas. Ser portadora do vírus da Aids é um elemento que coloca às mulheres numa relação mais próxima com os serviços de saúde. A fim de dar conta das concepções e práticas dos serviços e profissionais da saúde, esta pesquisa adotará uma metodologia qualitativa, de cunho etnográfico. Busca-se compreender como os contextos dos serviços de saúde incidem sobre as trajetórias e decisões reprodutivas das mulheres portadores do HIV. Toma-se como pressuposto que as instituições das cidades incluídas no projeto, Recife, São Paulo e Porto Alegre, possam ter demandas e práticas distintas - de acordo com o perfil das mulheres, do HIV/AIDS e dos profissionais, que irão interferir, também de modo distinto, nas escolhas das mulheres com HIV frente a uma gestação. A observação participante buscará identificar os recursos disponíveis nos serviços e os que são de fato acionados, a interação das mulheres com o serviço e com os profissionais, as dinâmicas internas aos serviços, a relação do serviço com outros serviços da rede pública e privada. As entrevistas semi-estruturadas se propõem a contemplar as concepções dos profissionais sobre as questões de saúde sexual e reprodutiva das mulheres soropositivas, as demandas que chegam até eles e a forma como referem agir diante destas, as dificuldades encontradas no atendimento à saúde sexual e reprodutiva das mulheres, os recursos que podem dispor ou acionar para fazer face às demandas das mulheres. Os dados serão interpretados à luz do referencial teórico adotado no projeto..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2011
HIV/Aids e trajetórias reprodutivas de mulheres brasileiras
Descrição: A ocorrência de uma gestação indesejada em uma mulher portadora do HIV pode ser o resultado de uma dificuldade de prevenção sexual tanto em relação à gestação quanto à infecção. No entanto, contracepção e prevenção da infecção pelo HIV não são necessariamente superpostas. A relação entre contracepção e prevenção do HIV é bastante complexa, dado que possuem significados simbólicos e culturais distintos, envolvem agenciamentos específicos e nem todos os meios de prevenção da gravidez previnem contra a infecção pelo HIV, do mesmo modo que o preservativo masculino não possui a mesma efetividade em termos de prevenção da gravidez e de DSTs/HIV. O presente projeto visa identificar como, e em que medida, a condição de soropositividade interfere na trajetória contraceptivas das mulheres com HIV, em especial no que se refere à gravidez indesejada e a prática do aborto. Para tanto é proposto um estudo quali-quantitativo, no qual na etapa quantitativa serão analisados os dados da pesquisa "Estudo sobre comportamentos sexuais e contextos de vulnerabilidade para o HIV entre mulheres", realizada em 2004 com apoio do Programa Nacional de DST/ Aids e até o momento não analisados, incluindo 1785 mulheres vivendo com HIV e 2150 com sorologia desconhecida, usuárias de unidades de saúde do SUS em 13 municípios brasileiros. Ademais é proposta a realização de um estudo qualitativo, envolvendo cerca de 60 mulheres em quatro dos municípios onde foi realizada a pesquisa anterior: São Paulo, Ribeirão Preto, Pelotas, Recife. A análise destes dois conjuntos de dados visa, respectivamente: comparar a frequência de aborto induzido entre mulheres soropositivo e mulheres da população feminina em geral, usuárias de serviços públicos de saúde em treze municípios brasileiros; investigar os fatores associados à prática de abortamento induzido na amostra de mulheres investigadas; descrever o contexto de tomada de decisão com relação à gravidez indesejada e ao aborto entre mulheres HIV positivo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Wilza Vieira Villela - Integrante / Daniela Riva Knauth - Integrante / Naila Janilde Seabra Santos - Integrante / Elvira Ventura Felipe - Integrante / Adriana Pinho - Integrante / Tirza Aidar - Integrante / Paula Sandrine Machado - Integrante / Marcia Longhi - Integrante / Ana Paula Portella - Integrante / Helen Goncalves - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 2
2008 - 2010
Trajetórias sexuais e reprodutivas entre mulheres HIV positivo em Goiânia e Belém
Descrição: O presente projeto visa identificar como, e em que medida, a condição de soropositividade interfere na trajetória contraceptivas das mulheres vivendo com HIV, em especial no que se refere à gravidez indesejada e a prática do aborto. Para tanto é proposto um estudo qualitativo envolvendo cerca de 30 mulheres usuárias de serviços públicos de saúde em dois municípios: Goiânia e Belém. Este projeto é uma ampliação do estudo ?Trajetórias contraceptivas, gravidez indesejada e aborto entre mulheres brasileiras HIV positivo? realizado nas regiões Sul, Sudeste e Nordeste. Espera-se com esta ampliação obter um conhecimento mais aprofundado sobre as questões assinaladas em contextos sociais pouco estudados e especialmente vulneráveis, como os do Norte e do Centro Oeste, além de permitir uma análise comparativa entre as cinco regiões do Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Wilza Vieira Villela - Integrante / Marta Rovery - Integrante / Ana Lidia Nauer - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2004 - 2010
Comportamento sexual e percepções da população brasileira sobre HIV/AIDS
Descrição: Trata-se de um inquérito populacional, coordenado pelo CEBRAP, que tem como objetivo identificar comportamento, atitudes e práticas sexuais da população brasileira, bem como o conhecimento sobre HIV/Aids, com vistas a estabelecer estratégias de intervenções preventivas das DST's e HIV. Os resultados abrangerão a análise de questões relativas a prevalência de práticas sexuais em determinados contextos; orientações e práticas sexuais de grupos específicos; determinantes sócio-econômicos, culturais e psicológicos do uso do preservativo; níveis de informação sobre o HIV/Aids; interações entre fatores estruturais, relacionais e individuais que intervém no comportamento sexual. Pretende-se construir indicadores que permitam comparações entre as distintas regiões do Brasil, gerar informações que permitam avaliar os modelos explicativos de comportamento existentes, bem como avaliar os efeitos de atividades de prevenção e medir mudanças de comportamento, por meio da comparação com os dados produzidos pela mesma pesquisa em 1998..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Integrante / Elza Salvatori Berquó - Coordenador / Ivan França Junior - Integrante / Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro Bastos - Integrante / Vera F Paiva - Integrante / Wilton Bussab - Integrante.Financiador(es): Centro Brasileiro de Análise e Planejamento - Outra / Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3
2004 - 2007
AIDS, comportamento e demandas reprodutivas de mulheres
Descrição: O estudo tem por objetivo geral apreender as especificidades que a condição de soropositividade para o HIV coloca em termos de comportamento, opções e demandas relativas à reprodução, tendo como objetivos específicos: a) estudar o comportamento e intenção reprodutiva de mulheres de 18 a 49 anos infectadas pelo HIV que freqüentam as unidades municipais de referência para DST/Aids; b) identificar as demandas reprodutivas destas mulheres para as unidades de referência Trata-se de um estudo transversal de natureza quantitativa, para o qual foram convidadas todas as mulheres agendadas para alguma consulta médica nas unidades selecionadas da Secretaria Municipal de Saúde num derterminado período de tempo. O instrumento de pesquisa consistiu de um questionário estruturado de pesquisa com questões fechadas e abertas contemplando as características sociodemográficas; aspectos da vida reprodutiva e sexual - tais como história obstétrica, desejo de filhos no futuro, conhecimento e uso (atual e passado) de métodos de prevenção de gravidez e de DSTs/AIDS, parcerias e práticas sexuais - bem como mudanças ocorridas após diagnóstico da infecção pelo HIV; e principais demandas reprodutivas formuladas com relação ao serviço..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2006
Viabilidade de testes de vacinas anti-HIV/AIDS entre homens e mulheres heterossexuais sob alto risco em São Paulo
Descrição: Estudo preparatório para ensaios clínicos Fase III de vacina de AIDS em parceria com o HIV Vaccine Trail Network/NIH. Trata-se de uma coorte prospectiva de 200 homens e mulheres heterossexuais sob alto risco de infecção pelo HIV, com os objetivos de estabelecer uma coorte de 100 mulheres e 100 homens, heterossexuais e sob alto risco para infecção pelo HIV, em São Paulo e no Rio de Janeiro, determinar os fatores de risco dos indivíduos recrutados, estimar, nos meses 6 e 12, as taxas de adesão desta população e determinar o desejo desta população em participar de testes de vacina para AIDS. O período de acompanhamento para cada indivíduo foi estabelecido em 12 meses..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Karina Wolffenbüttel - Integrante / Sirlene Caminada - Integrante / Arthur O Kalichman - Integrante.Financiador(es): National Institute Of Health - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3
2002 - 2004
Benefícios e riscos envolvidos na participação de um teste de vacina contra o HIV/AIDS
Descrição: A pesquisa estuda percepções dos benefícios e riscos que envolveriam a participação de um teste de vacina contra o HIV/Aids entre os freqüentadores do Centro de Referência e Treinamento em Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids, fonte de potenciais voluntários para a futura vacina. Através de uma abordagem qualitativa, as questões envolvem percepções e impactos desta experiência, que permitirá obter subsídios para intervenções educacionais adequadas para os freqüentadores do Centro de Referência e Treinamento em Doenças Sexualmente Transmissíveis e Aids e em São Paulo, como elemento crítico para o consentimento, evitando a exploração de populações particularmente vulneráveis. Foram selecionados 14 mulheres e 11 homens, com idades entre 18 e 49 anos, todos HIV negativos e heterossexuais, que estavam acompanhando um amigo ou familiar atendido pelo Centro. Este grupo foi classificado em: parceiros HIV negativos de pacientes soropositivos; os que praticam sexo sem proteção e que tiveram algum diagnóstico de DST nos últimos 6 meses; amigos ou parentes de pacientes soropositivos. A amostra foi selecionada de forma a assegurar a emergência de temas inerentes à diversidade encontrada entre a população heterossexual HIV negativa, para que possam servir de fonte de produção de futuro material didático..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Regina Facchini - Integrante / Maia Hightower - Integrante.Financiador(es): Rotary International - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1
2001 - 2008
Mulheres, cuidados à saúde, gênero e diversidade sexual
Descrição: A pesquisa investiga as práticas de saúde entre diferentes perfis de mulheres que fazem sexo com mulheres, especialmente no que diz respeito à saúde sexual e reprodutiva, tomando por referência as representações sobre saúde, serviços de saúde, corpo, gênero e sexualidade presentes nessa população. O estudo contempla intenções descritivas e analíticas e a utilização de metodologia qualitativa com os seguintes objetivos: explorar a relação entre representações e práticas relativas aos cuidados de saúde, inclusive aquelas referentes aos profissionais e serviços de saúde, e as diferentes construções de gênero, identidade e estilos de vida encontradas na população. O trabalho pretende contribuir para a produção de conhecimento sobre a população estudada e suas representações e práticas relativas a cuidados à saúde; fornecer subsídios à elaboração de políticas públicas de saúde visando a incorporação e atendimento integral e efetivo das demandas de saúde da população sob estudo; contribuir para a capacitação/treinamento de estudantes de graduação/jovens pesquisadores em atividades de pesquisa científica. Com idades entre 18 e 49 anos, a população do estudo é composta por mulheres residentes na grande São Paulo, que fazem sexo com mulheres O número de entrevistas é de 30 entrevistas para cada segmento, totalizando 60 entrevistas. Primeira etapa A primeira etapa contempla a realização de entrevistas com mulheres das camadas médias, a sistematização e análise das entrevistas, privilegiando-se a identificação de categorias significativas para elaboração do plano de análise e a realização através de um workshop para discussão dos dados preliminares e finalização do plano de análise. Segunda etapa A segunda etapa contempla a realização de entrevistas com mulheres das camadas populares, a sistematização do material referente às camadas populares e médias de acordo com as categorias e o recorte estabelecidos no plano de análise..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Regina Facchini - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação Ford - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 4
2000 - 2005
AIDS, gravidez, parto e esterilização
Descrição: A pesquisa realizada, em parceria pelo NEPO/UNICAMP, Population Research Center/University of Texas e o Núcleo de Pesquisa em Antropologia do Corpo e Saúde (NUPACS) da UFRGS, busca identificar os fatores que interferem nas escolhas reprodutivas de gestantes HIV positivas em duas cidades brasileiras, focalizando, em particular, o papel desempenhado pelos serviços de saúde e pela cultura médica nessas escolhas. O desejo e a realização de laqueadura tubária pós-parto constituem os eventos reprodutivos tomados como questões de análise. Desenvolvida em duas cidades de São Paulo e Porto Alegre, a pesquisa utilizou um desenho que combinou duas estratégias metodológicas:quantitativa e qualitativa. Etapa quantitativa A análise de dados contidos em 427 prontuários clínicos de gestantes atendidas nos serviços. Embora não possam ser generalizados para toda a população de gestantes HIV positivas no Brasil, os resultados mostram que essas tendem a ter taxas mais elevadas de esterilização que as mulheres não infectadas. A grande maioria de mulheres entrevistadas nas duas cidades manifestou o desejo de realizar a esterilização depois do parto. Entretanto, uma proporção muito maior de mulheres em São Paulo atingiu sua meta, comparadas a uma pequena proporção em Porto Alegre. A cultura médica local com relação à laqueadura, aliada à organização da prática de assistência ao pré-natal e parto, mostrou-se fator fundamental para compreender as diferenças encontrada nas duas cidades. Etapa qualitativa Esta etapa buscou estudar, por meio da observação etnográfica e realização de 60 entrevistas em profundidade, buscou das fala às mulheres HIV positivas ou parceiras de HIV positivos quanto ao uso do preservativo feminino, suas percepções, como negociam o seu uso e incorporam ao cotidiano, buscando identificar fatores que facilitam ou impedem o seu uso, visando subsidiar futuras atividades e materiais educativos direcionados a essa população..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Daniela Riva Knauth - Integrante / Kristine Hopkins - Integrante / Joseph E Potter - Integrante.Financiador(es): National Institute Of Health - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 2
1998 - 1999
Aceitabilidade do condom feminino em contextos sociais diversos
Descrição: A pesquisa, realizada em seis contextos urbanos distintos, analisa a aceitabilidade do condom feminino, aos 15 dias e aos 90 dias de observação, entre 2400 usuárias do serviço de saúde selecionadas do SUS - Sistema Único de Saúde. O objetivo geral visava fornecer subsídios que orientassem a Coordenação Nacional de Doenças Sexualmente Transmissíveis do Ministério da Saúde, no que se refere à ampliação de oferta do preservativo feminino na rede pública de saúde. Os resultados demonstraram que a aceitabilidade do condom feminino se manteve alta ao longo do estudo, maior em serviços cujos programas de saúde estão estruturados segundo modelos de atenção que privilegiam o trabalho comunitário e/ou o trabalho qualitativo na unidade de saúde. Tal fato aponta para a importância da forma e da qualidade dos serviços na aceitabilidade do condom feminino. A boa receptividade indica que a sua disponibilização na rede pública de saúde poderá contribuir para a ampliação das alternativas de prevenção da DST/aids e da gravidez indesejada..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Suzana Kalckmann - Integrante / Elza Salvatori Berquó - Integrante.Financiador(es): Ministério da Saúde - Auxílio financeiro / United Nations Programme Of Hiv Aids - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 5
1995 - 1998
Negociação sexual, gênero e poder
Descrição: A pesquisa reflete sobre a negociação sexual como estratégia de prevenção da AIDS entre homens e mulheres de comportamento predominantemente heterossexual, tendo o construtivismo como perspectiva teórica para a abordagem da sexualidade. Analisar como e através de que caminhos a construção dos significados sexuais relacionados aos gêneros, feminino e masculino, modelam as práticas sexuais e pautam os processos de negociação sexual foi a forma adotada para abordar a questão. Utilizando dois procedimentos complementares de coleta de informações, grupos focais e entrevistas em profundidade, procede-se à análise do material obtido entre homens e mulheres, pertencentes a estratos sociais médios e médios-baixos e moradores da cidade do Rio de Janeiro e Recife. Quatro dimensões da experiência sexual e amorosa, pertinentes à negociação sexual - a recusa sexual, a (in)fidelidade, o sexo não-penetrativo e o uso de condom - são particularmente focalizadas e analisadas neste trabalho..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador.Financiador(es): Fundação Ford - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 5
1993 - 1996
Comportamento sexual e reprodutivo entre mulheres na cidade de São Paulo
Descrição: Apesar das controvérsias, a prática da esterilização cirúrgica feminina com fins contraceptivos é o método mais usado no Brasil por mulheres de 15 a 49 anos. Partindo do pressuposto que as mulheres esterilizadas se disporiam menos a usar o preservativo, o que torna a esterilização um risco potencial para a infecção pelo HIV, um estudo em foi desenhado utilizando metodologia quantitativa e qualitativa. Etapa qualitativa O estudo realizou-se através de cinco grupos focais com mulheres e dois com homens, entre 25 e 50 anos, residentes em bairros da periferia da cidade, buscando explorar os códigos lingüísticos utilizados para falar da sexualidade, através da percepção, discordâncias e concordâncias de masculino e feminino, com vistas a elaborar o questionário da etapa quantitativa. Etapa quantitativa Inquérito populacional com 357 mulheres na cidade de São Paulo, comparando o comportamento sexual e reprodutivo, e o uso do condom, entre mulheres esterilizadas e não esterilizadas.Os resultados mostraram que as esterilizadas, que apresentam uma média etária mais alta e mais freqüentemente têm parceiros fixos, estão mais aderidas ao modelo tradicional de feminilidade, não se utilizando do condom. O estudo sugere que as mulheres esterilizadas sejam consideradas nas propostas de prevenção do HIV, das doenças sexualmente transmissíveis e do câncer cérvico uterino, através de estratégias específicas para este segmento da população..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Maria Rodrigues Nagy - Integrante / Wilza Vieira Villela - Integrante.Financiador(es): Organização Mundial de Saúde - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2
1992 - 1993
Misoprotol e a indução do aborto na grande São Paulo
Descrição: Esta pesquisa busca, de um lado, explorar a trajetória do misoprostol, comercializado mundialmente com o nome de Cytotec. Desenvolvido para o tratamento de úlceras gastroduodenais,o medicamento é utilizado como indutor do aborto. No Brasil o seu uso como abortivo ganhou relevância, processo acabou resultando na mudança da regulamentação da sua comercialização pelo Ministério da Saúde, em julho de 1991. De outro, busca entender como este recurso é visto e utilizado pelos médicos ginecologistas e suas vantagens relativamente a formas tradicionais de indução do aborto, como a curetagem e a extração a vácuo, bem como a opinião dos profissionais de saúde em relação ao aborto. Ao mesmo tempo, são entrevistadas mulheres que tiveram experiências de utilização do Cytotec, explorando o impacto do aborto na vida das entrevistadas. O trabalho teve como objetivo discutir as contradições originadas pela situação de ilegalidade do aborto no país, como também as estratégias que vêm sendo empregadas por diversos setores da sociedade a fim de postergar a urgência de um questionamento profundo sobre o problema. Pesquisa realizada em parceria com a ECOS..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Margareth Arilha - Integrante.Financiador(es): International Women's Health Coalition - Auxílio financeiro / Centro de Estudos e Comunicação em Sexualidade e Reprodução Humana - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 1
1989 - 1993
Aceitabilidade e efetividade do uso do diafragma entre mulheres de baixa renda em São Paulo
Descrição: A pesquisa objetiva descrever a aceitabilidade e a utilização do diafragma em comparação aos outros métodos anticonceptivos. 194 mulheres que o escolheram como contraceptivo entre 1723 que participaram de grupos educativos, em cinco serviços públicos da região de Osasco, Grande São Paulo, no período de agosto de 1989 a agosto de 1991. O seguimento dessa coorte foi realizado por meio de entrevistas domiciliares semestrais.Constatou-se que o diafragma pode ser uma escolha viável, pois as mulheres, mesmo as de baixa renda, interessam-se por inovações que possam representar alternativas às suas práticas contraceptivas. No entanto, a taxa acumulada de continuidade de uso aos 12 meses foi de 25,7%; após 365 dias, 39 mulheres mantiveram o seu uso contínuo. Do total de mulheres que escolheram o diafragma, 37,1% referiram usá-lo em todas as relações durante o período de observação. Os resultados mostram a necessidade dos serviços re-adequarem a atividade de planejamento familiar, no sentido de dar um maior suporte às mulheres que optaram pelo diafragma, envolvendo seus parceiros nesta tomada de decisão. Além disso, a equipe de planejamento familiar da unidade também precisaria de um reforço contínuo,visando aprimorar as técnicas de medição e o apoio à mulher frente as suas dificuldades iniciais com o método. Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Suzana Kalckmann - Integrante / Tânia Giacomo Lago - Integrante / Samuel Goihman - Integrante / Wilza Vieira Villela - Integrante.Financiador(es): Fundação Rockfeller - Auxílio financeiro / World Health Organization - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
1989 - 1990
Mulher e contracepção: entre o técnico e o político
Descrição: O objetivo central desse trabalho foi aprofundar a análise a partir do material coletado na pesquisa Contracepção: Mulheres e Instituições, realizada entre 1983 e 1984. Busca-se entender de que formas as opções realizadas, no terreno da contracepção, por um grupo de mulheres residentes da periferia da região metropolitana de Recife refletem as possibilidades e/ ou limites do exercício da liberdade reprodutiva. Admitindo-se que as atividades relacionadas à reprodução humana, da qual a prática contraceptiva é uma delas, são irredutivelmente sociais e individuais,a análise desse tema, a partir desse ponto de vista, implica, portanto lidar com diferentes instancias da vida da vida pública e privada. O trabalho foi estruturado em dois blocos. No primeiro são abordados aspectos relacionados a tecnologia, a ideologia e a política contraceptiva. O segundo bloco é composto da análise da fala de 33 mulheres selecionadas a partir do universo estudado na pesquisa acima mencionada, residentes em 3 municípios da Região Metropolitana do Recife, entre 19 e 49 anos. Focaliza-se de que maneira os dois níveis, social e individual/público e privado, e as ambigüidades daí advindas são enfatizados e de que forma se articulam nos seus relatos sobre corpo, sexualidade, maternidade, contracepção, utilização de serviços de saúde, responsabilidade do Estado em relação ao planejamento familiar e, finalmente, como a compreensão dessas questões se relaciona com as opções das mulheres quanto à reprodução. Pesquisa aprovada no IV Concurso de Pesquisa da Fundação Carlos Chagas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador.Financiador(es): Fundação Ford - Auxílio financeiro.
1988 - 1988
Avaliação e planejamento familiar na grande São Paulo
Descrição: A pesquisa buscou avaliar o grau de implantação das atividades de planejamento familiar em 3 municípios da Grande São Paulo, a saber Santo Andre, Osasco, São Paulo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Suzana Kalckmann - Integrante / Tânia Giacomo Lago - Integrante / Wilza Vieira Villela - Integrante.Financiador(es): Ministério da Saúde - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
1983 - 1984
Contracepção: mulheres e instituições
Descrição: A pesquisa busca entender e avaliar como se dão os usos e representações sobre métodos contraceptivos a partir da relação com instituições voltadas para este fim. A análise foi feita a partir de entrevistas em profundidade, realizadas com 100 mulheres entre 19 e 49 anos, residentes em 3 municípios da Região Metropolitana do Recife, Casa Amarela, Olinda e Paulista. A opção por estes municípios está referida a áreas de atuação da Bemfam, entendida como instituição que veiculava e mediava na época informação e acesso a métodos contraceptivos. Casa Amarela e Paulista são áreas de atuação da Bemfam, sendo Paulista a área mais antiga se sua operação. Olinda, como contraponto, foi selecionada por não contar com nenhuma atuação da Bemfam..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Integrante / Maria Betania de Melo Avila - Coordenador.Financiador(es): Fundação Ford - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1


Projetos de extensão


1997 - Atual
Programa de Treinamento em Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva
Descrição: O Programa, fruto da parceria entre do Instituto de Medicina Social (UERJ), da Escola Nacional de Saúde Pública (FIOCRUZ), do Núcleo de Estudos de População (UNICAMP), do Instituto de Saúde (SES - São Paulo) e do Instituto de Saúde Coletiva (UFBa), objetiva fortalecer as estruturas institucionais, já existentes no Brasil, capazes de estimular o desenvolvimento de pesquisa em gênero, sexualidade e saúde reprodutiva; incentivar o intercâmbio de experiência e o esforço colaborativo entre instituições de pesquisa e ensino que trabalham com os diferentes aspectos relacionados a essa temática; implementar um programa de treinamento regionalizado, voltado para a capacitação metodológica de jovens pesquisadores nessa temática; estimular a realização de pesquisa empírica nessa área, por meio de um concurso de bolsas de pesquisa; e elaborar material didático em metodologia de pesquisa específico sobre o tema e adequado à realidade nacional. Seu formato se dá por meio da realização de cursos regionalizados de introdução à metodologia de pesquisa e de programas de bolsas com duração de doze meses, com perspectiva interdisciplinar e a integração de estratégias quantitativas e qualitativas de investigação, oferecendo a seus participantes uma base conceitual e metodológica comum às várias disciplinas, visando à ampliação da capacidade de interlocução interdisciplinar. Desde o seu início foram realizados 11 Programas regionalizados, dos quais três foram realizados no NEPO. No total, participaram aproximadamente 200 alunos, foram concedidas 84 bolsas de pesquisa e produzidas duas publicações dos trabalhos desenvolvidos no âmbito do Programa..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Regina Maria Barbosa - Coordenador / Elza Salvatori Berquó - Integrante / Estela Maria Leão Aquino - Integrante / Maria Luiza Heilborn - Integrante / Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro Bastos - Integrante.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 9


Membro de corpo editorial


2009 - Atual
Periódico: Interface. Comunicação, Saúde e Educação
2008 - Atual
Periódico: Sexualidad, Salud y Sociedad - Revista Latinoamericana (1984-6487)
2006 - Atual
Periódico: Questões em Saúde Reprodutiva (1809-9785)
1998 - Atual
Periódico: Culture, Health & Sexuality (1369-1058)
1997 - Atual
Periódico: Reproductive Health Matters (0968-8080)


Revisor de periódico


2003 - Atual
Periódico: Revista de Saúde Pública / Journal of Public Health
2005 - Atual
Periódico: Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ)
2006 - Atual
Periódico: Estudos e Pesquisas em Psicologia
1999 - Atual
Periódico: Social Science & Medicine
2007 - Atual
Periódico: Interface. Comunicação, Saúde e Educação
2007 - Atual
Periódico: AIDS Care
2007 - Atual
Periódico: Physis. Revista de Saúde Coletiva
2008 - Atual
Periódico: Culture, Health & Sexuality
2008 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Epidemiologia


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Sexualidade e Gênero.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Reprodutiva.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2011
Homenagem pela contribuição à pesquisa, à inovação tecnológica sobre prevenção na resposta à Aids em São Paulo, Nepaids/USP.
2010
Melhor tema livre - XVIII Congresso Interno de Iniciação Científica-Orientação de PIBIC, UNICAMP.
2010
100 nomes que fizeram a história da luta contra a AIDS no Brasil, GAPA.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:81
Total de citações:1950
Barbosa, RM; Barbosa, R  Data: 04/12/2012

Artigos completos publicados em periódicos

1.
PINHO, ADRIANA DE ARAUJO2018PINHO, ADRIANA DE ARAUJO ; Barbosa, Regina Maria ; BRIGNOL, SANDRA ; VILLELA, WILZA ; MONTEIRO, Simone Souza . Drivers of Sexual Inactivity Among Women Living with HIV and AIDS: Findings of the GENIH Study in São Paulo, Brazil. ARCHIVES OF SEXUAL BEHAVIOR, v. 1, p. 1, 2018.

2.
VILLELA, Wilza Vieira2017VILLELA, Wilza Vieira ; Barbosa, Regina M. . Trajetórias de mulheres vivendo com HIV/aids no Brasil. Avanços e permanências da resposta à epidemia. Ciência & Saúde Coletiva (Online), v. 22, p. 87-96, 2017.

3.
PINHO, ADRIANA A.2017PINHO, ADRIANA A. ; CABRAL, C. ; Barbosa, Regina M. . Diferenças e similaridades entre mulheres que vivem e não vivem com HIV: aportes do estudo GENIH para as reflexões sobre integralidade de/nas ações em prevenção e cuidado à saúde sexual e reprodutiva. Cadernos de Saude Publica, v. 12, p. e00057916, 2017.

4.
TSUYUKI, KIYOMI2017TSUYUKI, KIYOMI ; GIPSON, JESSICA D. ; Barbosa, Regina Maria ; URADA, LIANNE A. ; MORISKY, DONALD E. . Preventing syndemic Zika virus, HIV/STIs and unintended pregnancy: dual method use and consistent condom use among Brazilian women in marital and civil unions. CULTURE HEALTH & SEXUALITY, v. 12, p. 1-17, 2017.

5.
TSUYUKI, KIYOMI2016TSUYUKI, KIYOMI ; BARBOSA, R. M. . Dual protection to address the global syndemic of HIV and unintended pregnancy in Brazil. JOURNAL OF FAMILY PLANNING AND REPRODUCTIVE HEALTH CARE, v. 42, p. 271-279, 2016.

6.
Barbosa, Regina M.2016Barbosa, Regina M.; PINHO, A. ; CABRAL, C. ; LAGO, T. G. . Differences in the Access to Sterilization between Women Living and Not Living with HIV: Results from the GENIH Study, Brazil. Plos One, v. 11, p. e0164887, 2016.

7.
BARBOSA, R. M.2016BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; CABRAL, C. . Gênero, reprodução e infecção pelo HIV: resultados do estudo GENIH. Textos NEPO (UNICAMP), v. 78, p. 1, 2016.

8.
VILLELA, Wilza Vieira2015VILLELA, Wilza Vieira ; Barbosa, Regina Maria . Prevention of the heterosexual HIV infection among women: Is it possible to think about strategies without considering their reproductive demands?. Revista Brasileira de Epidemiologia (Online), v. 18, p. 131-142, 2015.

9.
PAIVA, VERA2015PAIVA, VERA ; FERGUSON, LAURA ; AGGLETON, PETER ; MANE, PURNIMA ; KELLY-HANKU, ANGELA ; GIANG, LE MINH ; Barbosa, Regina M. ; CACERES, CARLOS F. ; PARKER, RICHARD . The current state of play of research on the social, political and legal dimensions of HIV. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 31, p. 477-486, 2015.

10.
TSUYUKI, KIYOMI2013TSUYUKI, KIYOMI ; BARBOSA, REGINA MARÍA ; PINHO, ADRIANA DE ARAUJO . Dual Protection and Dual Methods in Women Living with HIV: The Brazilian Context. ISRN PSYCHIATRY, v. 2013, p. 1-8, 2013.

11.
Barbosa, Regina M.2012Barbosa, Regina M.; PINHO, ADRIANA A. ; SANTOS, NAILA S. ; VILLELA, WILZA V. . Exploring the relationship between induced abortion and HIV infection in Brazil. Reproductive Health Matters (Print), v. 20, p. 80-89, 2012.

12.
VILLELA, Wilza Vieira2012VILLELA, Wilza Vieira ; Barbosa, Regina Maria ; PORTELLA, ANA PAULA ; OLIVEIRA, Luzia Aparecida de . Motivos e circunstâncias para o aborto induzido entre mulheres vivendo com HIV no Brasil. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), v. 17, p. 1709-1719, 2012.

13.
ORNER, PHYLLIS J2011ORNER, PHYLLIS J ; DE BRUYN, MARIA ; Barbosa, Regina Maria ; BOONSTRA, HEATHER ; GATSI-MALLET, JENNIFER ; COOPER, DIANE D . Access to safe abortion: building choices for women living with HIV and AIDS. Journal of the International AIDS Society, v. 14, p. 54, 2011.

14.
BARBOSA, R. M.2009 BARBOSA, R. M.; FACCHINI, Regina . Acesso a cuidados relativos à saúde sexual entre mulheres que fazem sexo com mulheres em São Paulo, Brasil. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 25, p. s291-s300, 2009.

15.
BARBOSA, R. M.2009 BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; SANTOS, Naila Janilde Seabra ; FELIPE, Elvira Ventura ; VILLELA, Wilza Vieira ; AIDAR, T. . Aborto induzido entre mulheres em idade reprodutiva vivendo e não vivendo com HIV/Aids no Brasil. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), v. 14, p. 795-807, 2009.

16.
SANTOS, Naila Janilde Seabra2009 SANTOS, Naila Janilde Seabra ; BARBOSA, R. M. ; PINHO, A. ; VILLELA, Wilza Vieira ; AIDAR, T. ; FELIPE, Elvira Ventura . Contextos de vulnerabilidade para o HIV entre mulheres brasileiras. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 25, p. s321-s333, 2009.

17.
BARBOSA, R. M.2009BARBOSA, R. M.; AQUINO, E. M. L. ; HEILBORN, M. L. ; BERQUÓ, E. S. . Avaliação em saúde sexual e reprodutiva. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 25, p. s190-s190, 2009.

18.
BARBOSA, R. M.2008BARBOSA, R. M.; BERQUÓ, E. S. . Introdução. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 42, p. 7-11, 2008.

19.
BARBOSA, R. M.2008 BARBOSA, R. M.; KOYAMA, Mitti Ayako Hara . Comportamento e práticas sexuais de homens e mulheres, Brasil 1998 e 2005. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 42, p. 21-33, 2008.

20.
BERQUÓ, E. S.2008BERQUÓ, E. S. ; BARBOSA, R. M. ; LIMA, L. P. . Uso do preservativo: tendências entre 1998 e 2005 na população brasileira. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 42, p. 34-44, 2008.

21.
BARBOSA, R. M.2008BARBOSA, R. M.; KOYAMA, Mitti Ayako Hara . Mujeres que tienen sexo con mujeres: algunas estimaciones para Brasil. Revista. Red de Salud de las Mujeres Latinoamericanas y del Caribe, v. 2, p. 20-24, 2008.

22.
NOBREGA, A. A.2007NOBREGA, A. A. ; OLIVEIRA, F. A. S. ; GALVAO, M. T. G. ; MOTA, R. S. ; BARBOSA, R. M. ; DOURADO, Maria Inês Costa ; KENDALL, C. ; PONTES, L. K. . Desire for a Child Among Women Living with HIV/AIDS in Northeast Brazil. AIDS patient care and STDs, v. 21, p. 261-267, 2007.

23.
VILLELA, Wilza Vieira2007VILLELA, Wilza Vieira ; BARBOSA, R. M. ; DINIZ, Simone Grilo . Ampliando o uso de condom no Brasil e no mundo: ainda um desafio. Questões de Saúde Reprodutiva, v. 2, p. 7-9, 2007.

24.
Barbosa, Regina Maria2007Barbosa, Regina Maria; KALCKMANN, Suzana ; Berquó, Elza ; STEIN, Zena . Notes on the female condom: experiences in Brazil. International Journal of STD & AIDS, v. 18, p. 261-266, 2007.

25.
GANGEIRO, Alexandre2006GANGEIRO, Alexandre ; FERRAZ, Dulce ; BARBOSA, R. M. ; BARREIRA, Dráurio ; VERAS, Maria Amélia ; VILLELA, Wilza Vieira ; VELOSO, José Carlos ; NILO, Alessandra . UNGASS-HIV/Aids: balanço da resposta brasileira, 2001-2005. Revista de Saúde Pública (Impresso), São Paulo, v. 40, n.Supl, p. 5-8, 2006.

26.
BARBOSA, R. M.2006BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira ; DINIZ, Simone Grilo . Integrando gênero, sexualidade, reprodução e saúde: contribuições para o debate no Brasil. Questões de Saúde Reprodutiva, v. 1, n.1, p. 7-10, 2006.

27.
Barbosa, Regina Maria2006Barbosa, Regina Maria; KOYAMA, Mitti Ayako Hara . Mulheres que fazem sexo com mulheres: algumas estimativas para o Brasil. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 22, p. 1511-1514, 2006.

28.
HOPKINS, Kristine2005HOPKINS, Kristine ; BARBOSA, R. M. ; KNAUTH, Daniela Riva ; POTTER, Joseph e . The impact of health care providers on female sterilization among HIV-positive women in Brazil.. Social Science & Medicine (1982), Social Science & Medicine, v. 61, n.3, p. 541-554, 2005.

29.
KNAUTH, Daniela Riva2005KNAUTH, Daniela Riva ; BARBOSA, R. M. ; HOPKINS, Kristine . Entre los Deseos Personales y la Prescripción édica: Modalidad de Parto y Esterilización Posparto entre Mujeres con VIH en Brasil. Reprodutive Health Matters Temas Em Saúde Reprodutiva, Peru, v. 1, n.2, p. 80-88, 2005.

30.
KNAUTH, Daniela Riva2003KNAUTH, Daniela Riva ; BARBOSA, R. M. ; HOPKINS, Kristine . Between Personal Wishes and Medical -Prescription-: Mode of Delivery and Post-Partum Sterilisation among Women with HIV in Brazil. Reproductive Health Matters (Print), Londres, Inglaterra, v. 11, n.11, p. 113-121, 2003.

31.
BARBOSA, R. M.2003BARBOSA, R. M.; KNAUTH, Daniela Riva . Esterilização feminina, AIDS e cultura médica: os casos de São Paulo e Porto Alegre, Brasil. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), Rio de Janeiro, v. 19, p. S365, 2003.

32.
BARBOSA, R. M.2003BARBOSA, R. M.; AQUINO, E. M. L. . Cultura sexual, ciência e política: uma entrevista com Richard Parker. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), Rio de Janeiro, v. 19, p. S455-S464, 2003.

33.
AQUINO, E. M. L.2003AQUINO, E. M. L. ; BARBOSA, R. M. ; HEILBORN, Maria Luiza ; BERQUÓ, E. S. . Gênero, sexualidade e saúde reprodutiva: a constituição de um novo campo na Saúde Coletiva. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), Rio de Janeiro, v. 19, p. S198-S199, 2003.

34.
KNAUTH, Daniela Riva2002KNAUTH, Daniela Riva ; BARBOSA, R. M. ; HOPKINS, Kristine ; PEGORARIO, M. ; FACCHINI, Regina . Cultura médica e decisões reprodutivas entre mulheres infectadas pelo vírus da Aids. Interface (Botucatu. Impresso), Botucatu, v. 6, n.11, p. 39-54, 2002.

35.
BARBOSA, R. M.1998BARBOSA, R. M.; LAGO, T. G. . SIDA y Derechos Reproductivos: Más allá de la transmisión vertical. Cadernos Mujer Salud, Santiago, v. 3, p. 92-97, 1998.

36.
KALCKMANN, Suzana1997KALCKMANN, Suzana ; LAGO, T. G. ; BARBOSA, R. M. ; VILLELA, Wilza Vieira ; GOIHMAN, S. . O diafragma como método contraceptivo: a experiência de usuárias de serviços públicos de saúde. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), Rio de Janeiro, v. 13, n.4, p. 10.1590/S0102-3, 1997.

37.
BARBOSA, R. M.1996BARBOSA, R. M.; LAGO, T. G. ; KALCKMANN, Suzana ; VILLELA, Wilza Vieira . Sexuality and Reproductive Health Care in Brazil. Health Care for Women International, v. 5, n.17, p. 413-422, 1996.

38.
BARBOSA, R. M.1996BARBOSA, R. M.; PARKER, R. G. ; FAJARDO, E. . Novas tendências da pesquisa em Sexualidade. Sexualidade Gênero e Sociedade, Rio de Janeiro, v. 5, p. 5-8, 1996.

39.
VILLELA, WILZA1996VILLELA, WILZA ; Barbosa, Regina . Opções contraceptivas e vivências da sexualidade: comparação entre mulheres esterilizadas e não esterilizadas em região metropolitana do Sudeste do Brasil. Revista de Saúde Pública (Impresso), v. 30, p. 452, 1996.

40.
LAGO, T. G.1995LAGO, T. G. ; BARBOSA, R. M. ; KALCKMANN, Suzana ; VILLELA, Wilza Vieira ; GOIHMAN, S. . Acceptability of Diaphragm among low-income women in São Paulo. International Family Planning Perspectives, v. 21, n.3, p. 114-118, 1995.

41.
BARBOSA, R. M.1995BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira ; UZIEL, A. P. . Entre a vontade e a necessidade: negociação sexual em Tempos de AIDS. Physis (UERJ. Impresso), Rio de Janeiro, v. 1, p. 99-107, 1995.

42.
BARBOSA, R. M.1995BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira . Sterilisation and sexual behaviour among women in São Paulo, Brazil. Reproductive Health Matters (Print), v. 3, p. 37-46, 1995.

43.
BARBOSA, R. M.1995BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira . Esterilización y Conducta Sexual entre las Mujeres de San Pablo. Revista de La Fundación Para Estudio e Investigación de La Mujer, v. 3, n.2, p. 16-18, 1995.

44.
BARBOSA, R. M.1994BARBOSA, R. M.. Mulher e AIDS: Ainda não abrimos os olhos. Enfoque Feminista, São Paulo, v. 3, n.6, p. 19-23, 1994.

45.
BARBOSA, R. M.1993BARBOSA, R. M.; ARILHA, M. . Cytotec in Brazil: `At least it doesn't kill?. Reproductive Health Matters (Print), v. 1, p. 41-52, 1993.

46.
BARBOSA, R. M.1993BARBOSA, R. M.; ARILHA, M. . A Experiência Brasileira com o Cytotec. Revista Estudos Feministas, Rio de Janeiro, v. 1, n.2, p. 408-417, 1993.

47.
BARBOSA, R. M.1993BARBOSA, R. M.; ARILHA, M. . The Brazilian Experience with Cytotec. Studies in Family Planning, v. 24, p. 236-240, 1993.

48.
BARBOSA, R. M.1993BARBOSA, R. M.; ARILHA, M. . Brazil - Is Cytotec an answer?. Planned Parenthood Chalenges, v. 1, n.1, p. 20-22, 1993.

49.
BARBOSA, R. M.1992BARBOSA, R. M.; ARILHA, M. . Cytotec: avanços ou retrocesso. Jornal da Rede de Direitos Reprodutivos, v. 1, p. 3-3, 1992.

50.
BARBOSA, R. M.1992BARBOSA, R. M.. AIDS: um novo desafio para o movimento de mulheres. Jornal da Rede de Direitos Reprodutivos, São Paulo, v. 1, 1992.

51.
BARBOSA, R. M.1992BARBOSA, R. M.; ALMEIDA, C. M. . Solidariedade e valorização da Vida: uma reconstrução necessária da política de saúde. Boletim da Abia, Rio de Janeiro, v. 17, p. 08-11, 1992.

52.
BARBOSA, R. M.1992BARBOSA, R. M.; MARTIM, D. ; VILLELA, Wilza Vieira . Mujer, Sexualidad y Prevencion del SIDA. Revista de La Fundación Para Estudio e Investigación de La Mujer, v. 1, n.1, p. 12-14, 1992.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
BARBOSA, R. M.; SILVA, M. H. ; ESTEVAM, D. L. ; CARACIOLO, J. M. M. . SAÚDE REPRODUTIVA DAS PESSOAS QUE VIVEM E CONVIVEM COM HIV. 1a. ed. Centro de Referência e Treinamento DST/Aids-SP, 2015. 64p .

2.
VILLELA, Wilza Vieira ; BARBOSA, R. M. . Aborto, saúde e cidadania. 1. ed. São Paulo: Editora UNESP, 2011. v. 1. 128p .

3.
BARBOSA, R. M.; DONINI, A. . Preservativo Feminino: das políticas globais à realidade brasileira. Brasília: UNFPA, 2011. v. 1.

4.
HEILBORN, Maria Luiza (Org.) ; AQUINO, E. M. L. (Org.) ; BARBOSA, R. M. (Org.) ; BASTOS, Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro (Org.) ; BERQUÓ, E. S. (Org.) ; ROHDEN, F. (Org.) . Sexualidade Reprodução e Saúde. Rio de Janeiro: Fundação Getulio Vargas, 2009. v. 1. 534p .

5.
ROCHA, M. I. B. (Org.) ; BARBOSA, R. M. (Org.) . Aborto no Brasil e países do Cone Sul Panorama da situação e dos estudos acadêmicos. Campinas: NEPO/UNICAMP, 2009. v. 1. 284p .

6.
BARBOSA, R. M.; AQUINO, E. M. L. (Org.) ; HEILBORN, M. L. (Org.) ; BERQUÓ, E. S. (Org.) . Interfaces - Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 1ª. ed. Campinas: Editora UNICAMP, 2002.

7.
BARBOSA, R. M.. HIV/AIDS, Transmissão Heterossexual e Métodos de Prevenção controlados pelas mulheres. 2. ed. Rio de Janeiro: ABIA/Lidador, 2001. v. 3. 27p .

8.
PARKER, R. G. (Org.) ; BARBOSA, R. M. (Org.) ; AGGLETON, P. (Org.) . Framing the sexual subject: the politics of gender, sexuality and power. 1a. ed. Berkeley: University of California Press, 2000. v. 1. 271p .

9.
BARBOSA, R. M.; PARKER, R. G. (Org.) . Sexualidade pelo Avesso: Direitos, Identidades e poder. São Paulo: Editora 34, 1999. 270p .

10.
PARKER, R. G. (Org.) ; BARBOSA, R. M. (Org.) . Sexualidades Brasileiras. 1. ed. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1996. 236p .

Capítulos de livros publicados
1.
Barbosa, Regina Maria. Aids, saúde e direitos sexuais e reprodutivos: novas e velhas questões. In: Sara Romera da Silva, Reinaldo Ayer de Oliveira. (Org.). Ética e HIV-AIDS; uma epidemia que se sustenta. 1ed.São Paulo: Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo, 2018, v. , p. 133-138.

2.
BARBOSA, R. M.; PERPETUO, I. . Contribuições para a análise das estratégias de prevenção da disseminação do HIV entre mulheres no Brasil: o preservativo feminino em foco. In: Wilza Vieira Villela; Elizabeth Saar. (Org.). Rumos para Cairo+20. Brasilia: Presidência da República, Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, 2010, v. , p. 108-137.

3.
HEILBORN, M. L. ; AQUINO, E. M. L. ; BARBOSA, R. M. ; BASTOS, Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro ; BERQUÓ, E. S. ; ROHDEN, F. . As multiplas facetas da pesquisa em Sexualidade, Gênero, Reprodução, e Saúde. In: Maria Luiza Heilborn et all.. (Org.). Sexualidade, Reprodução, e Saúde. Rio de Janeiro: Fundação Getulio Vargas, 2009, v. 1, p. 9-19.

4.
BARBOSA, R. M.. Aproximações à complexidade da questão do aborto. In: Rocha, M I B; Barbosa, R M. (Org.). Aborto no Brasil e países do Cone Sul: panorama da situação e dos estudos acadêmicos. Campinas: NEPO/UNICAMP, 2009, v. , p. -.

5.
TANCREDI, Mariza Vono ; HOLCMAN, Marcia Moreira ; TAYRA, Angela ; SANTOS, Naila Janilde Seabra ; GONÇALVES, Dreif de Assis ; SILVA, Sara Romera da ; BARBOSA, R. M. ; FELIPE, Elvira Ventura . Pesquisa de Conhecimento, Atitudes e Práticas na População do Estado de São Paulo de 15 a 54 anos, 2004. In: Ana Roberta Pati Pascom. (Org.). Pesquisa de Conhecimento, Atitudes e Práticas na População Brasileira de 15 a 54 anos, 2004. Brasília: Ministério da Saúde, 2006, v. , p. 85-99.

6.
HEILBORN, Maria Luiza ; FACCHINI, Regina ; BARBOSA, R. M. . Public Health and Human Rights: Policies on Sexual Diversity. In: Alicia Ely Yamin. (Org.). Learning to Dance: Advancing Women's Reproductive Health and Well-Being form the Perspectives of Public Health and Human Rights. Boston: Harvard School of Public Health University, 2005, v. , p. 149-158.

7.
BARBOSA, R. M.. Um olhar de gênero sobre a epidemia de AIDS. In: Elza Berquó. (Org.). Sexo e Vida - panorama da saúde reprodutiva no Brasil. 1ed.Campinas: Editora Unicamp, 2003, v. , p. 339-389.

8.
HEILBORN, Maria Luiza ; BARBOSA, R. M. . Sexuality Research Training in Brazil.. In: Diane di Mauro; Gilbert Herdt; Richard Parker. (Org.). Handbook of Sexuality Research Training Initiatives. New York: Social Science Research Council, 2003, v. , p. 110-123.

9.
BARBOSA, R. M.. Políticas Públicas: Gênero, Homens, Aids: Reflexões Finais. In: Richard Parker; Sonia Corrêa. (Org.). Sexualidade e Política na América Latina. Rio de Janeiro: Associação Brasileira Interdisciplinar de AIDS (ABIA), 2003, v. , p. 105-107.

10.
AQUINO, E. M. L. ; HEILBORN, Maria Luiza ; BARBOSA, R. M. ; BERQUÓ, E. S. . Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva - uma proposta de formação interdisciplinar em pesquisa. In: Regina Maria Barbosa; Estela Maria Leão Aquino; Maria Luiza Heilborn; Elza Salvatori Berquó. (Org.). Interfaces - Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutva. 1aed.Campinas: Editora UNICAMP, 2002, v. , p. 09-22.

11.
BARBOSA, R. M.. Sexual Negotiation or Negotiated Sex? Power, Gender and Sexuality in times of Aids. In: Daniel Hogan. (Org.). Population Change in Brazil: contemporary perspectives. Campinas: MPC Artes Gráficas e UNICAMP, 2001, v. , p. 167-178.

12.
VILLELA, Wilza Vieira ; BARBOSA, R. M. . Esterilización femenina y prevención de las enfermedades de transmisión sexual y el sida. In: Edith Alejandra Pantelides; Sarah Bott. (Org.). Reprodución, salud y sexualidad en América Latina.. Argentina: Editorial Bibols, 2000, v. , p. 137-152.

13.
BARBOSA, R. M.; PARKER, R. G. ; AGGLETON, P. . Introduction of Framing the Sexual Subject. In: Richard Guy Parker; Regina Maria Barbosa; Peter Aggleton. (Org.). Framing the sexual subject: the politics of gender, sexuality and power. 1aed.Berkeley: University of California Press, 2000, v. , p. 1-25.

14.
BARBOSA, R. M.. Negociação Sexual ou sexo negociado? Poder, gênero e sexualidade em tempos de Aids. In: Regina Maria Barbosa; Richard G. Parker. (Org.). Sexualidade pelo Avesso: Direitos, Identidades e poder. São Paulo: 34, 1999, v. , p. 73-88.

15.
KALCKMANN, Suzana ; BARBOSA, R. M. ; AFRAM, S. . Construção de um Processo de Intervenção - Mulher e AIDS: Sexo e Prazer sem Medo. In: Maria Eugênia Lemos Fernandes; Luis Antonio Vellinho D'Angelo; Elisabeth Meloni Vieira. (Org.). Experiência do Projeto AIDSCAP no Brasil. São Paulo: Editora Vozes, 1999, v. , p. 37-42.

16.
BARBOSA, R. M.; PARKER, R. G. . Introdução de Sexualidades pelo Avesso. In: Regina Maria Barbosa; Richard Guy Parker. (Org.). Sexualidades pelo avesso. 1ed.São Paulo: Editora 34, 1999, v. , p. 9-14.

17.
BARBOSA, R. M.; LAGO, T. G. . AIDS e direitos reprodutivos: para além da transmissão vertical. In: Richard G. Parker. (Org.). Políticas, Instituições e AIDS. Zahar/ABIA: Rio de Janeiro, 1997, v. , p. 163-175.

18.
BARBOSA, R. M.. Mujer y SIDA en Brasil: obstáculos y desafios. In: Rico et al. (Org.). Situación de las mujeres y VIH/SIDA en América Latina.. Morelos - México: , 1997, v. , p. 45-55.

19.
BARBOSA, R. M.. Repensando as relaçãoes entre sexualidade e gênero. In: Richard Parker; Regina Maria Barbosa. (Org.). Sexualidades Brasileiras. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1996, v. 1, p. 189-199.

20.
BARBOSA, R. M.. Feminismo e AIDS. In: Richard Parker; Jane Galvão. (Org.). Quebrando o silêncio: Mulher e AIDS no Brasil. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1996, v. , p. 153-168.

21.
BARBOSA, R. M.. A trajetória Feminina da AIDS. In: Richard Parker; Jane Galvão. (Org.). Quebrando o silêncio : mulher e AIDS no Brasil. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1996, v. , p. 17-31.

22.
BARBOSA, R. M.; PARKER, R. G. . Introdução de Sexualidades Brasileiras. In: Regina Maria Barbosa; Richard Parker. (Org.). Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1996, v. 1, p. 7-13.

23.
BARBOSA, R. M.; MARTIM, D. ; VILLELA, Wilza Vieira . Mulher, Sexualidade e Prevenção da AIDS. In: Vera Paiva. (Org.). Em tempos de AIDS. São Paulo: Sumus, 1992, v. 1, p. 166-174.

24.
UZIEL, A. P. ; BARBOSA, R. M. ; VILLELA, Wilza Vieira . As mulheres e a prevenção da AIDS. In: Vera Paiva. (Org.). Em Tempos de AIDS: Viva a Vida. São Paulo: Summus, 1992, v. , p. 166-174.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
BARBOSA, R. M.. Na Era da AIDS. Gazeta de Pinheiros, São Paulo.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
TSUYUKI, K. ; BARBOSA, R. M. ; KNAUTH, Daniela Riva ; STOCKMAN, J. . VIOLENCE AGAINST WOMEN IS ASSOCIATED WITH HIV AMONG WOMEN IN BRAZIL. In: 2017 Population Association of America?s annual meeting, 2017, Chicago. The Population Association of America?s annual meeting, 2017.

2.
LAGO, T. G. ; KALKMANN, S. ; BARBOSA, R. M. ; ESCUDER, Maria Mercedes . Ouvindo mulheres: contracepção no município de São Paulo. In: VII Congreso de la Asociación Latinoamericana de Población e XX Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 2016, Foz do Iguaçu. Anais do VII Congreso de la Asociación Latinoamericana de Población e XX Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 2016.

3.
Barbosa, Regina Maria; VILLELA, Wilza Vieira ; PINHO, A. . Decisões relacionadas à gravidez não desejada no contexto da epidemia de Aids: encerrando trajetórias reprodutivas. In: XVIII. Encontro Nacional de Estudos Populacionais: transformações na população brasileira: complexidades, incertezas e perspectivas, 2012, Águas de Lindóia. Anais XVIII. Encontro Nacional de Estudos Populacionais: transformações na população brasileira: complexidades, incertezas e perspectivas. Campinas: ABEP, 2012. v. 18.

4.
BARBOSA, R. M.. Direitos reprodutivos e a transmissão vertical do HIV: 5 anos depois..... In: 1o Encontro Paulista de Prevenção e Controle de DST/Aids, 2009, São Paulo. 1o Encontro Paulista de Prevenção e Controle de DST/Aids. São Paulo: Coordenação Estadual de DST/AIDS, 2009. v. 1. p. 19-23.

5.
BARBOSA, R. M.; FACCHINI, Regina . Homossexualidade feminina e saúde: uma questão invisível. In: Seminário Nacional Atenção à Saúde, Gênero e Saúde da Mulher, 2008, Brasilia. Seminário Nacional Atenção à Saúde, Gênero e Saúde da Mulher, 2008.

6.
BARBOSA, R. M.. Negociação Sexual entre tempos de AIDS. In: Seminário Aids e Mulheres de Cooperação Brasil-França, 1998, Salvador. Anais do Seminário de Cooperação Brasil-França, 1997. p. 77-84.

7.
BARBOSA, R. M.. The introduction of barrier methods in Brazil.. In: Meeting on Contraceptive Introduction, 1998, New York. Meeting on Contraceptive Introduction, 1998.

8.
BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira . Comportamento sexual e reprodutivo entre mulheres da cidade de São Paulo. In: XI Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 1994, Caxambu. XI Encontro Nacional de Estudos Populacionais. Belo Horizonte: Associao Brasileira de Estudos Populacionais, 1994. v. 3. p. 161-170.

9.
BARBOSA, R. M.. Gender, Sexuality and Reproductive Health in Brazil. In: International Meeting on Quality of Health Care for Women, 1994, Budapest. International Meeting on Quality of Health Care for Women. Genebra: Word l Health Oganization, 1994.

10.
BARBOSA, R. M.. Novas Experiências de Capacitação de Equipes de Saúde nas Ações Educativas junto à População: a experiência de Pernambuco. In: Seminário Nacional sobre Câncer Cérvico-Uterino e de Mama, 1985, Rio de Janeiro. Revista Brasileira Cancerol, 1985. v. 31. p. 233-234.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; CABRAL, C. ; LAGO, T. G. . Female sterilization in São Paulo: a comparison between women living and not living with HIV. In: VII Congreso de la Asociación Latinoamericana de Población e XX Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 2016. Anais do VII Congreso de la Asociación Latinoamericana de Población e XX Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 2016.

2.
TSUYUKI, K. ; MORISKY, D. E. ; BARBOSA, R. M. . The Impact of Relationship Status and Relationship Asymmetry on the Use of Condoms, Non-Barrier Contraception, and Dual Methods in Brazilian Women. In: PAA Annual Meeting, 2015, San Diego. 2015 PAA Proccedings, 2015.

3.
CABRAL, C. ; PINHO, A. ; BARBOSA, R. M. . Aspectos institucionais e individuais na escolha pela laqueadura tubária: aportes de um estudo comparativo com trajetórias biográficas de MVHA e MNVHA. In: XIX Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 2014, Águas de São Pedro. Anais do XIX Encontro Nacional de Estudos Populacionais, 2014.

4.
BASSICHETTO, Katia ; BARBOSA, R. M. ; IZAQUIRRE, Denise Vieira ; TEIXEIRA, Maria Helena ; CRESPILHO, Maria Lourenço . Aids, Comportamento e Demandas Reprodutivas de Mulheres. In: III Inventário de Pesquisas e Estudos em DST/AIDS, 2005, São Paulo. III Inventário de Pesquisas e Estudos em DST/AIDS. São Paulo: Secretaria Municipal de Saúde, 2005. p. 59-61.

5.
BASSICHETTO, Katia ; BARBOSA, R. M. . AIDS, Comportamento e Demandas Reprodutivas de Mulheres. In: Seminário de Estudos e Pesquisa em DSTs/Aids, 2004, São Paulo. II Inventário de Pesquisas em DST/AIDS, 2004. v. 2. p. 59-61.

6.
BARBOSA, R. M.; KALICHMAN, Arthur O . Viabilidade de testes de vacinas anti HIV/AIDS entre homens e mulheres heterossexuais, sob alto risco no Rio de Janeiro e em São Paulo, Brasil. In: III Inventário de Pesquisas e Estudos em DST/AIDS, 2004, São Paulo. III Inventário de Pesquisas e Estudos em DST/AIDS. São Paulo: Secretaria Municipal de Saúde, 2004. p. 100-101.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BARBOSA, R. M.; VILLELA, WILZA V. . Gravidez não planejada: uma análise dos fatores associados em dois momentos da trajetória reprodutiva. In: XXXVI Reunión Científica de la Sociedad Española de Epidemiología y XIII Congresso da Associação Portuguesa de Epidemiologia, 2018, Lisboa. XXXVI Reunión Científica de la Sociedad Española de Epidemiología y XIII Congresso da Associação Portuguesa de Epidemiologia, 2018. v. 32. p. 307-307.

2.
PILECCO, F. B. ; BARBOSA, R. M. ; PINHO, ADRIANA A. ; KNAUTH, Daniela Riva . AS DIFERENTES EPIDEMIAS DE AIDS NO BRASIL: UMA COMPARAÇÃO DE DUAS CIDADES BRASILEIRAS. In: X Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2018, Florianópolis. ANAIS DO CONGRESSO BRASILEIRO DE EPIDEMIOLOGIA. Campinas: GALOÁ, 2018.

3.
MARIA BARBOSA, REGINA; MARA DO ROSÁRIO SOUSA, HEIDI . O uso da pílula anticoncepcional de emergência: uma análise comparativa entre mulheres vivendo e não vivendo com HIV/AIDS.. In: XXIII Congresso de Iniciação Científica da Unicamp, 2015, 2015.

4.
ALVAREZ, R. ; BARBOSA, R. M. ; CABRAL, C. ; PINHO, A. . Controvérsias no panorama atual do acesso à laqueadura no contexto dos estabelecimentos de saúde do município de São Paulo. In: I Congresso Brasileiro de Atenção à Saúde; I Encontro Internacional de Atenção à Saúde, 2014, Uberaba. Anais I Congresso Brasileiro de Atenção à Saúde, 2014.

5.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; CABRAL, C. . Female Sterilization among WLHIV in post-HAART era: a matter of choice?. In: 20th International Aids Conference, 2014, Melbourne. 20th International Aids Conference Proccedings, 2014.

6.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; VILLELA, Wilza Vieira . HIV infection, unwanted pregnancy and induced abortion: exploring connection. In: XIX International Aids Conference, 2012, Washington. XIX International Aids Conference Proceedings, 2012.

7.
MATOSINHO, V. S. A. ; BARBOSA, R. M. . Entre o desejo e a decisão reprodutiva no contexto do HIV. In: XVIII Congresso Interno de Iniciação Científica da UNICAMP, 22-23/set/2010, Ginásio Multidisciplinar da UNICAMP, 2010, Campinas. PIBIC 2010. São Paulo: Kitmais Comércio e Serviços Ltda., 2010. p. 296-297.

8.
CERVANTES, M. G. ; BARBOSA, R. M. . Mudanças recentes no comportamento e nas práticas sexuais da população brasileira, 1998-2005. In: XVIII Congresso Interno de Iniciação Científica da UNICAMP, 22-23/set/2010, Ginásio Multidisciplinar da UNICAMP, 2010, Campinas. PIBIC 2010. São Paulo: Kitmais Comércio e Serviços Ltda., 2010. p. 137-137.

9.
VILLELA, Wilza Vieira ; BARBOSA, R. M. ; SANTOS, Naila Janilde Seabra ; WOLFFENBÜTTEL, Karina ; CARDOSO, Jucely Santos ; FELIPE, Elvira Ventura ; PANTOJA, Ana Lydia Nauar . Induced abortion scenarios: are they different in the presence of HIV/Aids?. In: XVIII International Aids Conference, 2010, Viena. Procedings XVIII International Aids Conference, 2010.

10.
MATOSINHO, V. S. A. ; BARBOSA, R. M. . Intenções e Decisões Reprodutivas no contexto do HIV. In: XVIII Congresso Interno de Iniciação Científica da UNICAMP, 2009, Campinas. Anais do XVIII Congresso Interno de Iniciação Científica da UNICAMP. Campinas: UNICAMP, 2009.

11.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; SANTOS, Naila Janilde Seabra ; FELIPE, Elvira Ventura ; VILLELA, Wilza Vieira . AIDS e esterilização feminina no Brasil. In: IV CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA, 2009, Recife. ANAIS CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2009. v. 9.

12.
MATOSINHO, V. S. A. ; BARBOSA, R. M. . Entre o desejo e a decisão reprodutiva no contexto do HIV.. In: IV CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA, 2009. ANAIS CONGRESSO BRASILEIRO DE SAÚDE COLETIVA, 2009. v. 9.

13.
Kiyomi Tsuyuki ; BARBOSA, R. M. ; PINHO, A. . Dual Protection among Women Living with HIV/AIDS (WLWHA) in Brazil: Examining contextual factors. In: APHA 137th Annual Meeting, 2009, Filadelfia. APHA 139th Annual Meeting Proceding, 2009.

14.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; SANTOS, Naila Janilde Seabra ; FILIPE, E. ; VILLELA, Wilza Vieira . Contraceptive choice and induced abortion among Brazilian HIV-infected women. In: XVII International Aids Conference, 2008, Mexico. Procedings XVII International Aids Conference, 2008.

15.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; SANTOS, Naila Janilde Seabra ; FILIPE, E. ; VILLELA, Wilza Vieira ; AIDAR, T. . Aids e aborto induzido: aspectos analíticos e metodológicos. In: XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia e VII Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2008, Porto Alegre. Anais XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia e VII Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2008.

16.
SANTOS, Naila Janilde Seabra ; BARBOSA, R. M. ; PINHO, A. ; AIDAR, T. ; FILIPE, E. . Desejo reprodutivo em mulheres vivendo com HIV e Aids. In: XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia e VII Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2008, Porto Alegre. Anais XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia e VII Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 2008.

17.
BARBOSA, R. M.; CAMINADA, Sirlene ; WOLFFENBÜTTEL, Karina ; KALICHMAN, Arthur O . Participation in AIDS Vaccines Studies and Sexual Risk Behaviors in São Paulo, Brazil: an ethical concern. In: 8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e 11º Congresso Mundial de Saúde Pública, 2006, Rio de Janeiro. Saúde Coletiva em um mundo globalizado: rompendo barreiras sociais, econômicas e políticas, 2006.

18.
FACCHINI, Regina ; BARBOSA, R. M. . Cuidados a saúde sexual e reprodutiva entre mulheres que fazem sexo com mulheres da grande São paulo, Brasil. In: 8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e 11º Congresso Mundial de Saúde Pública, 2006, Rio de Janeiro. Livro de resumos- CD rom. Rio de Janeiro: ABRASCO, 2006.

19.
BARBOSA, R. M.; BASSICHETTO, Katia . Comportamento reprodutivo entre mulheres HIV positivo na cidade de São Paulo, Brasil. In: 8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e 11º Congresso Mundial de Saúde Pública, 2006, Rio de Janeiro. Saúde Coletiva em um mundo globalizado: rompendo barreiras sociais, econômicas e políticas. Rio de Janeiro: ABRASCO, 2006.

20.
BARBOSA, R. M.; CAMINADA, Sirlene ; WOLFFENBÜTTEL, Karina ; HACKER, Mariana ; BASTOS, Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro ; KALICHMAN, Arthur O . The CRT-SP Vaccine Preparedness Study: Differences between those volunteers willing to take preventive and partially efficacious vaccines. In: AIDS Vaccine 2005 International Conference, 2005, Montreal. AIDS Vaccine 2005, 2005. p. 184-184.

21.
BARBOSA, R. M.; CAMINADA, Sirlene ; WOLFFENBÜTTEL, Karina ; BASTOS, Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro ; HACKER, Mariana ; KALICHMAN, Arthur O . The CRT-SP Vaccine Preparedness Study: Substantial decline of reported risk behaviors challenge AIDS vaccines Phase-III Studies. In: AIDS Vaccine 2005 International Conference, 2005, Montreal. Aids Vaccine 2005, 2005. p. 186-186.

22.
FACCHINI, Regina ; BARBOSA, R. M. . Sexual behaviour and STDs/AIDS among women who have sex with women in Sao Paulo, Brazil.. In: XV International AIDS Conference, 2004, Bangkok. Abstrack Book, 2004. v. 2. p. 173-173.

23.
WOLFFENBÜTTEL, Karina ; CAMINADA, Sirlene ; BARBOSA, R. M. ; KALICHMAN, Arthur O . Retention of high-risk heterosexual men and women`s cohort in a feasibility study of HIV vaccine trials in Sao Paulo, Brazil. In: XV International AIDS Conference, 2004, Bangkok. Abstrack Book, 2004. v. 2. p. 149-149.

24.
BARBOSA, R. M.; WOLFFENBÜTTEL, Karina ; CAMINADA, Sirlene ; KALICHMAN, Arthur O . High risk heterosexual population in Sao Paulo, Brazil: is it feasible to reach and engage them in HIV vaccine trials?. In: AIDS Vaccine 2004 International Conference, 2004, Lausanne. Abstrack Book, 2004. p. 18-18.

25.
WOLFFENBÜTTEL, Karina ; CAMINADA, Sirlene ; BARBOSA, R. M. ; KALICHMAN, Arthur O . Retention of a high-risk heterosexual cohort in a feasibility study of HIV vaccine trials in Sao Paulo, Brazil: are there differences by gender?. In: AIDS Vaccine 2004 International Conference, 2004, Lausanne. Abstrack Book, 2004. v. 1. p. 149-149.

26.
VILLELA, Wilza Vieira ; BATISTA, Luís Eduardo ; ESCUDER, Maria Mercedes ; BARBOSA, R. M. . Impasses Metodológicos do estudo das desigualdades. In: VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2003, Brasilia. Ciência e Saúde Coletiva-VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. Rio de Janeiro: ABRASCO, 2003. v. 8. p. 18-19.

27.
BARBOSA, R. M.; KNAUTH, Daniela Riva ; HOPKINS, Kristine ; POTTER, Joe . Reproductive choices and the impact of the medical culture on female sterilization rates among HIV-positive pregnant women in Brazil. In: XIV International AIDS Conference, 2002, Barcelona. Abstract Book. Suécia: International AIDS Society, 2002. v. 1o. p. 189-189.

28.
MAGALHÃES, J. ; COSTA, S. ; BARBOSA, R. M. ; AMARAL, E. . Female condom use among HIV infected women: a prospective study. In: XIV International AIDS Conference, 2002, Barcelona. Abstract Book, 2002. v. 1o. p. 496-496.

29.
BARBOSA, R. M.; HOPKINS, Kristine ; KNAUTH, Daniela Riva . Stimulated and frustrated demand for female sterilization among HIV-positive parturients in Brasil: evidence from a prospective study. In: POPULATION ASSOCIATION OF AMERICA 2002 ANNUAL MEETING, 2002, Atlanta. POPULATION ASSOCIATION OF AMERICA 2002 ANNUAL MEETING-PROGRAM BOOK, 2002. p. 192-192.

30.
BARBOSA, R. M.; KNAUTH, Daniela Riva ; HOPKINS, Kristine . HIV Transmissions from mother to infant and reproductive options. In: THE THIRD INTERNATIONAL CONFERENCE ON GLOBAL STRATEGIES FOR THE PREVENTION OF HIV TRANSMISSION FROM MOTHERS TO INFANTS, 2001, Kampala. THE THIRD INTERNATIONAL CONFERENCE ON GLOBAL STRATEGIES FOR THE PREVENTION OF HIV TRANSMISSION FROM MOTHERS TO INFANTS- PROGRAM BOOK, 2001. p. 115-115.

31.
BARBOSA, R. M.; KALCKMANN, Suzana ; BERQUÓ, E. S. . How health care providers and health services influences the acceptability of the female condom. In: XIII International Aids Conference, 2000, Africa do Sul. Abstract Book, 2000. v. 1.

32.
BARBOSA, R. M.; UZIEL, A. P. ; BERQUÓ, E. S. . Introducing the female condom in public health settings: from research to policy. In: XIII International AIDS Conference, 2000, Durban. Final Program, 2000. v. 1. p. 234-234.

33.
BARBOSA, R. M.; KALCKMANN, Suzana ; BERQUÓ, E. S. . Dupla Proteção e o uso do preservativo feminino e masculino: uma estratégia viável?. In: VI Congresso de Saúde Coletiva, 2000, Salvador. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso). Rio de Janeiro: ABRASCO, 2000. v. 5. p. 336-336.

34.
KNAUTH, Daniela Riva ; BARBOSA, R. M. ; POTTER, Joe ; HOPKINS, Kristine . AIDS e opções reprodutivas. In: VI Congresso de Saúde Coletiva, 2000, Salvador. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso). Rio de Janeiro: ABRASCO, 2000. v. 5. p. 337-337.

35.
KALCKMANN, Suzana ; BARBOSA, R. M. ; BERQUÓ, E. S. . Modelos de atenção à saúde e sua interferência na aceitabilidade do condom feminino. In: VI Congresso de Saúde Coletiva, 2000, Salvador. Ciência & Saúde Coletica. Rio de Janeiro: ABRASCO, 2000. v. 5. p. 337-338.

36.
BARBOSA, R. M.; KNAUTH, Daniela Riva ; POTTER, Joe ; HOPKINS, Kristine . AIDS, gravidez, parto e esterilização feminina. In: VI Congresso de Saúde Coletiva, 2000, Salvador. Ciência & Saúde Coletiva. Rio de Janeiro: ABRASCO, 2000. v. 5. p. 337-337.

37.
BARBOSA, R. M.; UZIEL, A. P. . Notas sobre o Seminário. In: II Seminário Saúde Reprodutiva em Tempos de AIDS, 1997, Rio de Janeiro. II Seminário Saúde Reprodutiva em Tempos de AIDS, 1997. p. 9-12.

38.
BARBOSA, R. M.. Gender meanings and sexual behavior as key aspects for understanding the negotiation of safer sex practices among heterosexual couples. In: XI International Aids Conference, 1996, Vancouver. Final Program Book, 1996.

39.
PARKER, R. G. ; BARBOSA, R. M. ; GALVÃO, J. . Community Activism, AIDS Control Programs, and the World Bank: an Evaluation of HIV/AIDS Policy in Brazil.,. In: XI International Aids Conference, 1996, Vancouver. Final Program Book, 1996.

Apresentações de Trabalho
1.
BARBOSA, R. M.. Pesquisa GENIH. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
TSUYUKI, K. ; Barbosa, Regina M. ; STOCKMAN, J. ; KNAUTH, Daniela Riva . Violence Against Women Is Associated With HIV Among Women in Brazil. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
STOCKMAN, J. ; KNAUTH, Daniela Riva ; TSUYUKI, K. ; Barbosa, Regina M. . Double Vulnerabilities: Violence Against Women and HIV in South And Southeastern Brazil. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
STOCKMAN, J. ; KNAUTH, Daniela Riva ; TSUYUKI, K. ; BARBOSA, R. M. . Social Ecological Determinants of Violence among HIV+ Women in São Paulo and Porto Alegre, Brazil: A Step Beyond Latent Class Analysis. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; CABRAL, C. ; LAGO, T. G. . Esterilização feminina em São Paulo: uma comparação entre mulheres vivendo e não vivendo com HIV. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
BARBOSA, R. M.; MORISKY, D. ; TSUYUKI, K. . The Impact of Relationship Status and Relationship Asymmetry on the Use of Condoms, Non-Barrier Contraception, and Dual Methods in Brazilian Women. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
BARBOSA, R. M.; CABRAL, C. ; PINHO, A. . Sexual literacy and the Aids epidemic in its fourth decade: are women taking advantage of the latest scientific knowledge on their own benefit?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
BARBOSA, R. M.. Direito reprodutivo: novas e velhas questões. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
BARBOSA, R. M.. HIV/Aids e as expectativas reprodutivas das mulheres no Estado de São Paulo. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
CABRAL, C. ; BARBOSA, R. M. . Sexualidade e reprodução- intersecções no contexto da Aids. 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

11.
BARBOSA, R. M.. Aids, saúde e direitos sexuais e reprodutivos: novas e velhas questões. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
PINHO, A. ; CABRAL, C. ; BARBOSA, R. M. . Female Sterilization among WLHIV in post-HAART era: a matter of choice?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
CABRAL, C. ; BARBOSA, R. M. ; PINHO, A. ; ALVAREZ, R. . Aspectos institucionais e individuais na escolha pela laqueadura tubária: aportes de um estudo comparativo com trajetórias biográficas de MVHA e MNVHA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
CABRAL, C. ; BARBOSA, R. M. ; ALVAREZ, R. . Controvérsias no panorama atual do acesso à laqueadura no contexto dos estabelecimentos de saúde do município de São Paulo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
BARBOSA, R. M.; CABRAL, C. ; PINHO, A. . Gênero e infecção pelo HIV: práticas e decisões relativas à saúde sexual e reprodutiva no município de São Paulo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

16.
Barbosa, Regina M.. Avaliação da oferta do preservativo feminino. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
Barbosa, Regina M.; CABRAL, C. ; PINHO, A. . Do we know enough about reproductive decision and practices of WLHIV?. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

18.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; CABRAL, C. . Sexualidade e Reprodução no Contexto da Epidemia de Aids. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

19.
BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira ; FELIPE, Elvira Ventura ; PORTELLA, A. P. ; PANTOJA, Ana Lydia Nauar ; OLIVEIRA, Analice ; CARDOSO, Jucely Santos . Induced abortion scenarios: are they different in the presence of HIV/Aids?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

20.
ORNER, Plyllis ; BARBOSA, R. M. . Building choices for women living with HIV and AIDS: Access to safe abortion. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
BARBOSA, R. M.. Transmissão sexual do HIV: mitos e verdades sobre tecnologias possíveis. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

22.
BARBOSA, R. M.. Comportamento e práticas sexuais no Brasil: comparação dos inquéritos de 1998 e 2005. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

23.
BARBOSA, R. M.; FACCHINI, Regina . Iniqüidades na atenção à diversidade sexual das mulheres. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

24.
BARBOSA, R. M.; PERPETUO, I. . Contribuições para a análise das estratégias de prevenção da disseminação do HIV entre mulheres no Brasil: o preservativo feminino em foco. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

25.
BARBOSA, R. M.; PINHO, A. ; SANTOS, Naila Janilde Seabra ; FILIPE, E. ; VILLELA, Wilza Vieira . Contraceptive choice and induced abortion among Brazilian HIV-infected women. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

26.
BARBOSA, R. M.. Saúde da mulher versus saúde das mulheres. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

27.
BASSICHETTO, Katia ; COHEN, Diane ; BARBOSA, R. M. . Comportamento Reprodutivo entre Mulheres HIV Positivo na Cidade de São Paulo, Brazil. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

28.
BARBOSA, R. M.; KALICHMAN, Arthur O ; WOLFFENBÜTTEL, Karina ; CAMINADA, Sirlene . Participation in AIDS Vaccines Studies and Sexual Risk Behaviors in São Paulo, Brazil: an ethical concern. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

29.
BARBOSA, R. M.; KALICHMAN, Arthur O ; WOLFFENBÜTTEL, Karina ; CAMINADA, Sirlene . High risk heterosexual population in Sao Paulo, Brazil: is it feasible to reach and engage them in HIV vaccine trials?. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

30.
SIMÕES, Luiz Henrique de Oliveira ; BARBOSA, R. M. . Motivação para Laqueadura entre gestantes HIV+. 2002. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

31.
BARBOSA, R. M.. Métodos de Barreira - uma visão do movimentos de mulheres. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

32.
BARBOSA, R. M.. The Acceptability of the Female Condon in Brazil. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

33.
BARBOSA, R. M.. Condom Feminino em Contextos Sociais Diversos no Brasil. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

34.
BARBOSA, R. M.. Aceitabilidade do Condom Feminino em Contextos Sociais Diversos no Brasil. 1999. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

35.
BARBOSA, R. M.. Gênero e saúde no ensino da graduação e da pós-graduação. 1998. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

36.
BARBOSA, R. M.. The introduction of barrier methods in Brazil. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

37.
BARBOSA, R. M.. Poder y sexualidad en tempos de SIDA. 1997. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
BARBOSA, R. M.. Negociação Sexual entre tempos de AIDS. 1997. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

39.
BARBOSA, R. M.. Community Activism, AIDS Control Programs, and the World Bank: an evulation of HIV/AIDS Policy in Brazil. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

40.
BARBOSA, R. M.. Gender meanings and sexual behavior as key aspects for understanding the negotiation of safer sex practices among heterrosexual couples. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

41.
BARBOSA, R. M.. Gender and Power: Sexual Negotiation in the time of AIDS. 1996. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

42.
BARBOSA, R. M.. Sexual and Reproductive Behavior among Brazilian Women. 1995. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

43.
BARBOSA, R. M.. Métodos Epidemiológicos em Saúde Reprodutiva. 1995. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

44.
BARBOSA, R. M.. Mujeres y SIDA en Brasil. 1995. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

45.
BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira . Comportamento sexual e reprodutivo entre mulheres da cidade de São Paulo. 1994. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

46.
BARBOSA, R. M.. Gender, Sexuality and Reproductive Health in Brazil. 1994. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

47.
BARBOSA, R. M.. Mulher e AIDS. 1994. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

48.
BARBOSA, R. M.. A trajetória feminina da AIDS. 1994. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

49.
BARBOSA, R. M.. Acceptability of the Diaphragm among low-income women in São Paulo. 1993. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

50.
BARBOSA, R. M.. Feminismo e AIDS. 1992. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

51.
BARBOSA, R. M.. The Brasilian experience with Cytotec. 1992. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

52.
BARBOSA, R. M.. Trabalho educativo com instrumento de prevenção. 1991. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

53.
BARBOSA, R. M.. Sexualidad, Genero y Prevención del SIDA. 1991. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

54.
BARBOSA, R. M.. Norplant in Brazil. 1989. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

55.
BARBOSA, R. M.. Recursos Humanos - capacitação e treinamento. 1986. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

56.
BARBOSA, R. M.. Saúde da Mulher e Reprodução Humana. 1986. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

57.
BARBOSA, R. M.. Apresentadora da Comunicação Coordenada Saúde da Mulher e Reprodução Humana. 1986. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

58.
BARBOSA, R. M.. Novas Experiências de Capacitação de Equipes de Saúde nas Ações Educativas junto à População: a experiência de Pernambuco. 1985. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
BARBOSA, R. M.; DONINI, A. . Preservativo feminino: das políticas globais à realidade brasileira. Brasilia: UNFPA, 2011 (Relatório de pesquisa).

2.
BARBOSA, R. M.; FACCHINI, Regina . Dossiê Saúde das mulheres lésbicas: promoção da eqüidade e da integralidade. Belo Horizonte: Rede Feminista de Saúde, 2006 (Revisão bibliográfica).

3.
BARBOSA, R. M.; BERQUÓ, E. S. ; KALCKMANN, Suzana . Condom Feminino em Contextos Sociais Diversos. Brasilia: Ministério da Saúde, 1999 (Relatório de pesquisa).

4.
BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira . I Seminário Direitos Reprodutivos, Exclusão Social e AIDS. São Paulo: Instituto de Medicina Social, 1998 (Relatório de Seminário).

5.
BARBOSA, R. M.. IV Seminário Nacional Mulher - Educação, Cultura e saúde 1994 (Seminário).

6.
VIEIRA, E. M. ; BARBOSA, R. M. ; KALCKMANN, Suzana ; LAGO, T. G. . Diafragma: uma escolha possível - revisão bibliográfica. São Paulo: Secretaria do Estado da Saúde, 1988 (Revisão bibliográfica).

7.
BARBOSA, R. M.; KALCKMANN, Suzana ; VILLELA, Wilza Vieira . Avaliação do planejamento Familiar na Grande São Paulo. São Paulo: Secretaria de Estado da Saúde, 1988 (Relatório de pesquisa).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
BARBOSA, R. M.. Grupo de Trabalho para revisão das normas de planejamento familiar. 2000.

2.
BARBOSA, R. M.. Saúde Reprodutiva e AIDS. 1995.

3.
BARBOSA, R. M.. Saúde Reprodutiva em tempos de AIDS. 1994.

4.
BARBOSA, R. M.. Programa de Saúde da Mulher. 1986.

5.
BARBOSA, R. M.. Programa de Assistência de Saúde da Mulher. 1984.

Trabalhos técnicos
1.
BARBOSA, R. M.. Membro da comissão especial dos Direitos Reprodutivos da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro. 1985.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
BARBOSA, R. M.. O saber concebe a práxis. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
BARBOSA, R. M.. Nao é o que parece. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
BARBOSA, R. M.; DONINI, A. . Preservativo Feminino: das Políticas Globais à realidade brasileira. 2010. (Relatório de pesquisa).

2.
BARBOSA, R. M.; KOYAMA, Mitti Ayako Hara . Práticas reprodutivas e de prevenção a gravidez e DST/Aids - São Paulo 2005. 2010. (Relatório de pesquisa).

3.
BARBOSA, R. M.. Comportamento sexual e percepções da população brasileira sobre HIV/AIDS. 2010. (Relatório de pesquisa).

4.
BARBOSA, R. M.; FACCHINI, Regina . Mulheres, cuidados à saúde, gênero e diversidade sexual. 2007. (Relatório de pesquisa).

5.
BARBOSA, R. M.. Painel: Pesquisas Qunatitativas em Sexualidade. 2006. (Coordenadora).

6.
BARBOSA, R. M.. Comunicação Coordenada: Transexualidade e Saúde. 2006. (Coordenadora).

7.
BARBOSA, R. M.. Aceitabilidade do condom feminino em contextos sociais diversos. 1998. (Relatório de pesquisa).

8.
BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira ; NAGY, M. R. ; MARIN, B. ; LAHIFF, M. ; GOIHMAN, S. . Sexual and reproductive Behavior among women in the city of São Paaulo. 1994. (Relatório de pesquisa).

9.
BARBOSA, R. M.; ARILHA, M. . Misoprostol e indução do aborto na grande São Paulo. 1993. (Relatório de pesquisa).

10.
BARBOSA, R. M.. Mulher e AIDS. 1992. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Coordenação de elaboração do conjunto didático).

11.
BARBOSA, R. M.. Diafragma, uma escolha possível. 1988. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Roterista de Video).

12.
BARBOSA, R. M.. Epicentro do amor. 1987. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Roterista de Video).

13.
BARBOSA, R. M.. Que tem peito pra isso?. 1986. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Co-direção pesquisa, roteiro e edição do vídeo-tape).

14.
BARBOSA, R. M.. Trabalhando de Brincar. 1986. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Co-direção e roteiro do vídeo-tape).

15.
BARBOSA, R. M.. Tá ligada nessa?. 1985. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Co-direção e roteiro do vídeo-tape).

16.
BARBOSA, R. M.. Grupos de Gestantes. 1985. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Co-autora do conjunto didático).

17.
AVILA, Maria Betania de Melo ; BARBOSA, R. M. . Contracepção: Mulheres e Instituições. 1983. (Relatório de pesquisa).

Demais trabalhos
1.
BARBOSA, R. M.. Conferência Estadual de Saúde da Mulher. 1986 (Co-direção roteiro e edição do vídeo-tape) .

2.
BARBOSA, R. M.. Seminário de Integração do Setor Saúde para o Controle do Câncer Cérvico-Uterino. 1986 (Seminário) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
CABRAL, C.; FRANÇA JUNIOR, Ivan; KNAUTH, Daniela Riva; Barbosa, Regina Maria. Participação em banca de RAQUEL ZANELATTO ALVES DA SILVA. Iniciação sexual de mulheres jovens vivendo com HIV/Aids no município de São Paulo. 2017 - Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo.

2.
MONTEIRO, Simone Souza; SANTOS, Elizabeth Moreira dos; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Claudia Mercedes Mora Cardenas. Vulnerabilidad al VIH/SIDA: sociabilidad y trajectorias de mujeres jovenes con práticas homoeróticas en Rio de Janeiro. 2009. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Fundação Oswaldo Cruz.

3.
BARBOSA, R. M.; MENNICUCCI, Eleonora; REA, Marina Ferreira. Participação em banca de Maria Lúcia Bourroul. A violência doméstica contra a criança e o adolescente e o ensino de pediatria na residência médica. 2006. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Saúde Coletiva) - Coordenadoria de Controle de Doenças.

4.
BARBOSA, R. M.; DOURADO, Maria Inês Costa; IRIARTI, Jorge Alberto. Participação em banca de Mônica Coutinho Cerqueira Lima. Significados e práticas associados ao preservativo feminino: o olhar de mulheres usuárias de drogas em um bairo popular da cidade de Salvador. 2006. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Instituto de Saúde Coletiva Ufba.

5.
SANTOS, Naila Janilde Seabra; BASSICHETTO, Katia; LUPPI, Carla Gianna; JÚNIOR, Nivaldo Carneiro; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Christiane Herold de Jesus. Estudo descritivo da população adulta em situação de Infecções Sexualmente Transmissíveis. 2006. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

6.
BARBOSA, R. M.; AYRES, José Ricardo; NEMES, Maria Inês Battistella. Participação em banca de Tatianna Meireles Dantas de Alencar. A vida crônica é novidade na aids: as transformações da aids aguda para a aids crônica sob o ponto de vista dos pacientes. 2006. Dissertação (Mestrado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

7.
BUCHALLA, Cassia Maria; VILLELA, Wilza Vieira; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Valdir Monteiro Pinto. Aspectos epidemiológicos das Doenças Sexualmente Transmissíveis em mulheres que fazem sexo com mulheres. 2004. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

8.
PEREIRA, Isabel Maria Teixeira Bicudo; LEFREVE, Fernando; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Bianca Marques Cardoso do Prado. O aconselhamento em DST para adolescentes: um caminho a percorrer. 2004. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

9.
BARBOSA, R. M.; IRIARTI, Jorge Alberto. Participação em banca de Cristiane de Oliveira Santos. Fragmentos de uma cultura sexual em tempos de aids: uma análise sob a perspectiva de gênero. 2002. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal da Bahia.

10.
BARBOSA, R. M.; AYRES, José Ricardo; ALVARENGA, Augusta Thereza de. Participação em banca de Neide Emy Kurokawa e Silva. Direitos reprodutivos e pessoas vivendo com HIV/AIDS: possibilidades e limites na afirmação de sujeitos em serviços de saúde. 2001. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
VIEIRA, J. M.; AZEVEDO, M. M.; Barbosa, Regina Maria. Participação em banca de María del Rosario Aparicio López. Violência de gênero e etnicidade: considerações sociodemográficas e culturais da violência de gênero em casais indígenas mexicanos. 2017. Tese (Doutorado em Demografia) - Universidade Estadual de Campinas.

2.
PAIVA, Vera F; VERAS, Maria Amélia; FRANÇA JUNIOR, Ivan; BARBOSA, R. M.; Barros, Claudia. Participação em banca de Bruna Robba Lara Redoshi. Teste anti-HIV entre homens que fazem sexo com homens em São Paulo: busca espontânea rotineira e episódica. 2016. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

3.
AYRES, José Ricardo; PAIVA, Vera F; FRANÇA JUNIOR, Ivan; BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira. Participação em banca de Thiago Félix Pinheiro. Camisinha, homoerotismo e os discursos da prevenção de HIV/aids. 2015. Tese (Doutorado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

4.
BARBOSA, R. M.; KNAUTH, Daniela Riva. Participação em banca de Luciana Barcelos Teixeira. Saúde sexual e reprodutiva de mulheres vivendo com HIV/Aids no Sul do Brasil. 2012. Tese (Doutorado em Epidemiologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

5.
FRANÇA JUNIOR, Ivan; SCHRAIBER, L. B.; ALMEIDA, H. B.; SILVA, N. E. K. E.; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Marcia de Lima. Vulnerabilidade de gênro e mulheres vivendo com HIV e Aids: repercussões para a saúde. 2012. Tese (Doutorado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

6.
BARBOSA, R. M.; HEILBORN, Maria Luiza. Participação em banca de Cristiane da Silva cabral. Práticas contraceptivas e gestão da heterossexualidade: agência individual, contextos relacionais e gênero. 2011 - Instituto de Medicina Social Uerj.

7.
BARBOSA, R. M.; ALVARENGA, Augusta Thereza de; AYRES, José Ricardo; Adorno, R; Segurado, A. Participação em banca de Karina Franco Zihlmann. Da invisibilidade à visibilidade do sujeito vivendo com a infecção/doença do HTLV 1 e o lugar das decisões reprodutivas nas tramas do saber e do cuidar. 2009. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

8.
MCCALLUM, C. A.; BARBOSA, R. M.; IRIARTI, Jorge Alberto; ALVES FILHO, A. N.; PAIVA, M. S.. Participação em banca de Jeane Freitas de Oliveira. (In)Visibilidade do consumo de drogas como problema de saúde num contexto assistencial: uma abordagem de gênero. 2008. Tese (Doutorado em Saúde Coletiva) - Instituto de Saúde Coletiva Ufba.

9.
BARBOSA, R. M.; BARBOSA, Regina Helena Simões; BASTOS, Francisco Inácio Pinkusfeld Monteiro; MONTEIRO, Simone Souza; SANTOS, Elizabeth Moreira dos. Participação em banca de Maria Amélia Lobato Portugal. Preservativos masculino e feminino: novas e velhas negociações. 2003. Tese (Doutorado em Saúde Pública) - Fundação Oswaldo Cruz.

10.
BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Jarbas Magalhães. Avaliação do condom feminino em mulheres vivendo com o HIV. 2001. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Universidade Estadual de Campinas.

11.
BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Kátia Virgínia de Oliveira Feliciano. Prevenção da aids entre jovens: conflitos entre os discurso técnicos e a prática cotidiana de escolares da Região Metropolitana do Recife. 2001. Tese (Doutorado em Medicina (Medicina Preventiva)) - Universidade de São Paulo.

12.
BARBOSA, R. M.. Participação em banca de João Alberto Gomes de Carvalho. Ideais de relação ou em busca da relação ideal - subsídios para uma discussão sobre a exposição feminina ao HIV. 2000. Tese (Doutorado em Saúde Coletiva) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
CABRAL, C.; KNAUTH, Daniela Riva; GUTIERREZ, M. L. F.; Barbosa, Regina M.. Participação em banca de Paula Morena Souto Derenusson Silveira. HIV como elemento biográfico no curso de vida: implicações do diagnóstico nas trajetórias afetivo-sexuais das mulheres. 2018 - Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo.

2.
ALVES, L. C.; Barbosa, Regina M.; SIMOES, T. C.. Participação em banca de Lívia Rodrigues Spaggiari Souza. Mortalidade e Incidência por HIV/AIDS na População Idosa Brasileira entre os Anos 1996 a 2015: Uma Análise dos Efeitos Idade, Período e Coorte. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em PPG em Demografia) - Instituto de Filosofia e Ciêncais Humanas/UNICAMP.

3.
BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Rosário Aparício López. Violência de gênero e etnicidade: considerações sociodemográficas e culturais da violência de gênero em casais indígenas mexicanos. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em PPG em Demografia) - Instituto de Filosofia e Ciêncais Humanas/UNICAMP.

4.
BARBOSA, R. M.; BRANDAO, E. R.. Participação em banca de Sabrina Pereira Paiva. "Essas meninas são perdidas": estudo etnográfico sobre contracepção de emergência em duas drogarias do Rio de Janeiro. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Coletiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Leticia Bartholo. Equidade de gênero, fecundidade e o aproveitamento da janela de oportunidades demográfica. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em PPG em Demografia) - Instituto de Filosofia e Ciêncais Humanas/UNICAMP.

Qualificações de Mestrado
1.
CABRAL, C.; BARBOSA, R. M.; LATORRE, M. R. D. O.. Participação em banca de Jefferson Santos Pereira. Trajetórias reprodutivas de mulheres infectadas pelo HIV enquanto jovens: especificidades a partir do diagnóstico. 2018 - Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo.

2.
LUPPI, Carla Gianna; NEMES, Maria Inês Battistella; BARBOSA, REGINA MARÍA. Participação em banca de Denise Lotufo Estevam. Avaliação do empoderamento de pessoas vivendo com HIV usuárias do CRT São Paulo. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Coletiva) - Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

3.
CABRAL, C.; FRANÇA JUNIOR, Ivan; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Raquel Zanelatto Alves da Silva. Iniciação sexual de mulheres jovens vivendo com HIV no município de São Paulo. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Pública) - Universidade de São Paulo.

4.
CAMARA, C.; VILLELA, Wilza Vieira; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Wilson Nascimento Almeida Junior. Palavras dissidentes: exposição ao HIV no discurso de um blog de Barebacking Sex direcionado a homens que tem sexo com outros homens. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Saúde Coletiva) - Universidade Federal de São Paulo.

Outros tipos
1.
FRANÇA JUNIOR, Ivan; BARBOSA, R. M.. Participação em banca de Luzia Aparecida Oliveira. Direitos reprodutivos e a assistência às pessoas vivendo com HIV/AIDS: um diálogo possível?. 2003. Outra participação, Universidade de São Paulo.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
BAENINGER, R.; CUNHA, E. M. G. P.; BILAC, E. D.; BARBOSA, R. M.. Carreira Paepe/UNICAMP- sociologo. 2013. Núcleo de Estudos de População Universidade de Campinas.

Outras participações
1.
BARBOSA, R. M.; ZULO, J.. Comissão de progressão para pesquisador B. 2015. Núcleo de Estudos de População Universidade de Campinas.

2.
BARBOSA, R. M.; KALCKMANN, Suzana. Comissão de progressão para pesquisador B. 2013. Núcleo de Estudos de População Universidade de Campinas.

3.
BARBOSA, R. M.. Comite avaliador Edital Relações de Gênero, Mulheres e Feminismos. 2010. Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

4.
BARBOSA, R. M.. Comitê avaliador do Edital MCT/CNPq/MS 37/2008. 2008. Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

5.
BARBOSA, R. M.; BERQUÓ, E. S.; PARKER, R. G.; LINHARES, L. B.. Comitê avaliador do Prêmio NEPO 25 anos. 2007. Núcleo de Estudos de População Universidade de Campinas.

6.
BARBOSA, R. M.; ARILHA, M.; CORRÊA, S.; MONTEIRO, P.; OLIVEIRA, F.; GREGORI, M. F.. Comissão de seleção de projetos do PROSARE. 2007. Centro Brasileiro de Análise e Planejamento.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
2015 PAA Annual Meeting. The Impact of Relationship Status and Relationship Asymmetry on the Use of Condoms, Non-Barrier Contraception, and Dual Methods in Brazilian Women. 2015. (Congresso).

2.
Encontro sobre Ética, Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos.Aids, saúde e direitos sexuais e reprodutivos: novas e velhas questões. 2015. (Encontro).

3.
Tempo de Debate.Sexualidade e reprodução- intersecções no contexto da Aids,. 2015. (Seminário).

4.
VI Congresso Brasileiro de Aids. Direito reprodutivo para as pessoas que vivem com HIv. 2015. (Congresso).

5.
X Conference of the International Association for the Study of Sexuality, Culture and Society. Sexual Literacy and the AIDS Epidemic in its Fourth Decade: Are Women Taking Advantage of the Latest Scientific Knowledge on their Own Benefit. 2015. (Congresso).

6.
20th International Aids Conference. Female Sterilization among WLHIV in post-HAART era: a matter of choice?. 2014. (Congresso).

7.
ENCONTRO INTERNO DE PESQUISAS -CRT-DST/Aids.Estudo GENIH ? Gênero e Infecção pelo HIV: práticas e decisões relativas à saúde sexual e reprodutiva no município de São Paulo, Brasil. 2014. (Encontro).

8.
XIX Encontro Nacional de Estudos Populacionais. Aspectos institucionais e individuais na escolha pela laqueadura tubária: aportes de um estudo comparativo com trajetórias biográficas de MVHA e MNVHA. 2014. (Congresso).

9.
2nd International HIV Social Science and Humanities Conference. Do we know enough about reproductive decisions and practices of WLHIV?. 2013. (Congresso).

10.
Evidências e recomendações para a gestão do risco de infecção e transmissão do HIV nas relações sexuais, no contexto da epidemia de Aids no Brasil.Gestão dos riscos em relações heterossexuais. 2013. (Seminário).

11.
IX Congresso da SBDST e V Congresso Brasileiro de AIDS. Tecnologias de prevenção das DST/HIV. 2013. (Congresso).

12.
IX Congresso da SBDST e V Congresso Brasileiro de AIDS. Temas livres Epidemiologia. 2013. (Congresso).

13.
IX Congresso da SBDST e V Congresso Brasileiro de AIDS. Estratégias de ampliação de uso do preservativo feminino no Brasil. 2013. (Congresso).

14.
O perfil da Aids na cidade de São Paulo: da informação para a Ação.Mulheres e Aids. 2013. (Seminário).

15.
POPULATION ASSOCIATION OF AMERICA 2013 ANNUAL MEETING. HIV, Fertility and Family Planning. 2013. (Congresso).

16.
Saúde, Adolescência e Juventude: promovendo a equidade e construindo habilidades para a vida.Estudos, pesquisas e recomendações para políticas públicas e programas no campo da saúde sexual e a saúde reprodutiva de adolescentes e jovens. 2013. (Seminário).

17.
VI Congresso Brasileiro de Ciências Sociais e Humanas em Saúde. Sexualidade e Reprodução no Contexto da Epidemia de Aids. 2013. (Congresso).

18.
VI Congresso Brasileiro de Ciências Sociais e Humanas em Saúde. Aids, reprodução e estigma. 2013. (Congresso).

19.
X Seminário de Pesquisa em Aids.estudo GENIH Práticas e decisões relativas à saúde sexual e reprodutiva no contexto da epidemia de HIV. 2013. (Seminário).

20.
30 Anos de AIDS: A História Social de uma Epidemia e a Resposta Brasileira.30 Anos da AIDS: os desafios políticos da epidemia no Brasil e no mundo. 2012. (Seminário).

21.
IX Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e AIDS, VI Fórum Latino-americano e do Caribe em HIV/Aids e DST. Preservativo Feminino: das políticas globais à realidade barsileira. 2012. (Congresso).

22.
IX Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e AIDS, VI Fórum Latino-americano e do Caribe em HIV/Aids e DST. Atenção Integral às Mulheres Vítimas de Violência Sexual: Cuidados para a Prevenção das DST/Aids. 2012. (Congresso).

23.
XIX International Aids Conference. The Pregnancy Decisions of HIVPositive Women: Forwarding the Research and Advocacy Agenda. 2012. (Congresso).

24.
XVIII Encontro Nacional de Estudos Populacionais. Decisões relacionadas à gravidez não desejada no contexto da epidemia de Aids: encerrando trajetórias reprodutivas. 2012. (Congresso).

25.
(Homo)sexualidades, juventudes e violências.Violência e diversidade sexual e de gênero: uma análise a partir de insultos e agressões na infância e/ou na adolescência. 2011. (Seminário).

26.
Diálogos Transversais em Gênero e Fecundidade : articulações contemporâneas.Aborto e contracepção: saúde, direitos e redução da fecundidade no Brasil. 2011. (Seminário).

27.
Estigma e Discriminação: desafios da pesquisa e das políticas.Discriminação nos estudos Epidemiológicos. 2011. (Encontro).

28.
IV Reunión de investigación sobre embarazo no deseado y aborto inseguro Desafíos de salud pública en América Latina y el Caribe.Estigma: la vieja cara del VIH y la nueva cara del aborto. 2011. (Seminário).

29.
V Congresso Brasileiro de Ciências Sociais e Humanas em Saúde. Pesquisas recentes sobre aborto no Brasil. 2011. (Congresso).

30.
VIIII Congresso Brasileiro de Prevençao das DST e Aids. Transmissão sexual do HIV: mitos e verdades sobre tecnologias possíveis. 2010. (Congresso).

31.
XVIII International AIDS Conference. Induced abortion scenarios: are they different in the presence of HIV/Aids?. 2010. (Congresso).

32.
Mudanças recentes nos comportamentos sexuais em dois contextos nacionais: Brasil e França.Comportamento e práticas sexuais no Brasil: comparação dos inquéritos de 1998 e 2005. 2009. (Seminário).

33.
Oficina de trabalho sobre gays, travestis e HSH no campo de enfrentamento da epidemia de HIV/Aids.Espaços de sociabilidade de gays e travestis. 2009. (Seminário).

34.
Seminário Estadual Saúde da Mulher - I Mostra Estadual de Experiências bem sucedidas em Saúde da Mulher.Iniquidades na Atenção à Diversidade Sexual das Mulheres. 2009. (Seminário).

35.
II Seminário Temático sobre Saúde das Mulheres e Políticas Públicas.Pesquisa Nacional Demografia e Saúde 2006. 2008. (Seminário).

36.
II Seminário Temáticos sobre Saúde das Mulheres e Políticas Públicas.Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde- PNDS 2006. 2008. (Seminário).

37.
VI Inventário de Pesquisas e Estudos em DST/AIDS.Aids e trajetórias reprodutivas de mulheres brasileiras. 2008. (Seminário).

38.
V Seminário de Pesquisas em DST/Aids.Estudo sobre comportamentos sexuais e contextos de vulnerabilidade para o HIV entre mulheres. 2008. (Seminário).

39.
XVI Encontro Nacional de Estudos Populacionais. Sexualidade e demografia. 2008. (Congresso).

40.
XVI Encontro Nacional de Estudos Populacionais. Comportamento reprodutivo fecundidade e saúde. 2008. (Congresso).

41.
XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia e VII Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Aborto induzido entre mulheres vivendo com HIV/Aids no Brasil: aspectos analíticos e metodológicos. 2008. (Congresso).

42.
XVII International Aids Conference. Contraceptive choice and induced abortion among Brazilian HIV-infected women. 2008. (Congresso).

43.
IV Seminário Estadual de Saúde da População Negra.Coordenação de mesa redonda. 2007. (Seminário).

44.
Saúde, Direitos Sexuais e Reprodutivos: subsídeos para as políticas públicas. 2007. (Seminário).

45.
Tempo de Debate: População e Políticas Públicas - Desafios do Programa Bolsa Família no Brasil: transferência de renda e condições de vida.. 2007. (Outra).

46.
Urbanização, Consumo e Mudanças Ambientais Globais. 2007. (Outra).

47.
X Congresso Latinoamericano de Medicina Social e IV Congresso de Ciências Sociais e Humans em Saúde. O cuidado na perspectiva de gênero: percepções e vivência de mulheres latinoamericanas. 2007. (Congresso).

48.
X Congresso Latinoamericano de Medicina Social e IV Congresso de Ciências Sociais e Humans em Saúde. Sexualidade e reprodução entre jovens. 2007. (Congresso).

49.
X Congresso Latinoamericano de Medicina Social e IV Congresso de Ciências Sociais e Humans em Saúde. Sexualidade e reprodução em comunidades indígenas. 2007. (Congresso).

50.
8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e 11º Congresso Mundial de Saúde Pública. Pesquisas quantitativas em Sexualidade. 2006. (Congresso).

51.
8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e 11º Congresso Mundial de Saúde Pública. Comitê científico. 2006. (Congresso).

52.
8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e 11º Congresso Mundial de Saúde Pública. Participation in AIDS Vaccines Studies and Sexual Risk Behaviors in São Paulo, Brazil: An Ethical Concern. 2006. (Congresso).

53.
8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletivo e 11º Congresso Mundial de Saúde Pública. Sessão de Comunicação Coordenada: Transexualidade e Saúde. 2006. (Congresso).

54.
Encontro Nacional de Núcleos e Grupos de Pesquisa - Pensando Gênero e Ciências.Encontro. 2006. (Encontro).

55.
Oficina Prioridades de Pesquisa em Saúde - Editais Temáticos de 2006.Oficina. 2006. (Oficina).

56.
Reunião de Organização do 8º Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e 11º Congresso Mundial de Saúde Coletiva. Reunião. 2006. (Congresso).

57.
Seminário Internacional: Questões Éticas e Regulatórias na Pesquisa com Vacinas Anti-HIV. 2006. (Seminário).

58.
Seminário Nacional Atenção à Saúde, Gênero e Saúde da Mulher.Homossexualidade feminina e saúde: uma questão invisível. 2006. (Seminário).

59.
Seminário O Processo do Envelhecimento e a Necessidade de Planejamento. 2006. (Outra).

60.
VI Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e AIDS. Congressista. 2006. (Congresso).

61.
XV Encontro Nacional de Estudos Populacionais.Demanda e Ofertas de Serviços de Saúde II. 2006. (Encontro).

62.
12º Programa de Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva.Reunião 12º Programa de Metodologia dePesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2005. (Outra).

63.
1ª Oficina com Interlocutores Locais do SAE. 2005. (Oficina).

64.
AIDS Vaccine 2005 International Conference. The CRT-SP Vaccine Preparedness Study: differences between those volunteers willing to take preventive and partially efficacious vaccines. 2005. (Congresso).

65.
HIV Trials Network - Full Group Meeting.HIV Vaccine Trials Network. 2005. (Outra).

66.
NIH Regional Seminar on Program Funding and Grants. 2005. (Seminário).

67.
Reunião do Comite Assessor de Pesquisa (DST-AIDS). 2005. (Outra).

68.
Seminário de Gestão de Tecnologia em Saúde. 2005. (Seminário).

69.
Tempo de Debate: Palestra- Por uma teoria de sucessão de gerações - Palestrista: Profa. Guaraci Adeodato A. de Souza. 2005. (Outra).

70.
11º Curso Regionalizado de Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva.Aula Ética na Pesquisa. 2004. (Outra).

71.
11º Curso Regionalizado de Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva.Aula Pesquisa com Grupos (Grupo Focal). 2004. (Outra).

72.
AIDS Vaccine 2004 International Conference. High risk heterosexual population in Sao Paulo, Brazil: is it feasible to reach and engage them in HIV vaccine trials?. 2004. (Congresso).

73.
Curso Regionalizado de Metodologia de Pesquisa.Curso Regionalizado de Metodologia de Pesquisa. 2004. (Outra).

74.
HIV Vaccine Trials Network (HVTN). 2004. (Outra).

75.
II Seminário de Pesquisas e Estudos em DST/AIDS.II Seminário de Pesquisa em DST/AIDS. 2004. (Seminário).

76.
VI Congresso Brasileiro de epidemiologia. VI Congresso Brasileiro de Epidemiologia. 2004. (Congresso).

77.
X Programa de Metodologia.X Programa de Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2004. (Outra).

78.
XV International AIDS Conference. Sexual Behaviour and STDs/AIDS among women who have sex with women in Sao Paulo. 2004. (Congresso).

79.
AIDS Vaccine 2003 Conference.AIDS Vaccine 2003 International Conference. 2003. (Outra).

80.
II Foro en VIH/SIDA/ITS para America Latina y el Caribe.II Foro en VIH/SIDA/ITS para America Latina y el Caribe. 2003. (Outra).

81.
Seminário de Construção da Agenda Nacional de Prioridades de Pesquisa em Saúde.Seminário de Construção da Agenda Nacional de Prioridades de Pesquisa em Saúde. 2003. (Seminário).

82.
Seminário Homossexualidade: produção cultural, cidadania e saúde.Seminário Homossexualidade: produção cultural, cidadania e saúde. 2003. (Seminário).

83.
VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. 2003. (Congresso).

84.
Technical Consultation on Sexual Health.Technical Consultation on Sexual Health. 2002. (Outra).

85.
VII Congresso Paulista de Obstetrícia e Ginecologia 2002. Direitos reprodutivos e AIDS. 2002. (Congresso).

86.
XIII Encontro Nacional de Estudos Populacionais.XIII Encontro Nacional de estudos Populacionais. 2002. (Encontro).

87.
XIV International AIDS Conference. XIV International AIDS Conference. 2002. (Congresso).

88.
IV Congresso Brasileiro de prevenção em DST e AIDS. Direitos reprodutivos e AIDS. 2001. (Congresso).

89.
Meeting on Issues of Power in Sexual Relationships.Meeting on Issues of Power in Sexual Relationships. 2001. (Encontro).

90.
Pesquisa em DST/HIV/AIDS e determinantes sócio-demográficos: cenários futuros.Pesquisa Demográfica sobre Comportamento Sexual da População Brasileira.. 2001. (Seminário).

91.
Sexualidade, gênero e violência estrutural.Coordenadora do Painel: Violência Estrutural, Relações Heterossexuais e Bissexuais. 2001. (Seminário).

92.
6º Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva.Aula Ética e Pesquisa. 2000. (Outra).

93.
Aceptabilidad del condón femenino en Brasil: de la investigación hacia la intervención.Aceptabilidad del condón femenino en Brasil: de la investigación hacia la intervención. 2000. (Seminário).

94.
Grupo de Trabalho para revisão das normas de planejamento familiar.Grupo de Trabalho para revisão das normas de planejamento familiar. 2000. (Outra).

95.
I Fórum e II Conferência de Cooperação Técnica Horizontal da América Latina e do Caribe em HIV/Aids e DST. 2000. (Outra).

96.
Reunião: O papel das sociedades de ginecologia e obstetrícia e dos ginecologistas, no apoio dos direitos sexuais e reprodutivos.Reunião: O papel das sociedades de ginecologia e obstetrícia e dos ginecologistas, no apoio dos direitos sexuais e reprodutivos. 2000. (Outra).

97.
Seminário da Região Leste sobre redução da transmissão materno infantil do HIV e Sífilis.Direitos Reprodutivos da Mulher Portadora de HIV/AIDS. 2000. (Seminário).

98.
Seminário Violência Estrutural, Desigualdade Social e Vulnerabilidade frente ao HIV/AIDS.Gênero e Vulnerabilidade frente ao HIV/AIDS. 2000. (Seminário).

99.
Social inequality, community mobilisation and HIV/AIDS vulnerability.Social inequality, community mobilisation and HIV/AIDS vulnerability. 2000. (Outra).

100.
VI Congresso Brasileiro de Prevenção das DST e AIDS, realizado no período de 4 a 7 de novembro, na qualidade de CONGRESSISTA, com carga horária de 24h. Desafios da Prevenção e da Assitência no SUS. 2000. (Congresso).

101.
VI Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. VI Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. 2000. (Congresso).

102.
XIII International AIDS Conference.XIII International AIDS Conference. 2000. (Outra).

103.
. Seminário Estado Atual e Perspectivas dos Direitos Sexuais e Reprodutivos do Brasil: O Caso da Contracepção. 1999. (Congresso).

104.
. III Congresso Brasileiro de Prevenção em DST/AIDS. 1999. (Congresso).

105.
. The second conference on Global Strategies for the Prevention of HIV Transmission from Mothers to Infants. 1999. (Congresso).

106.
.Seminário Implantes, DIUs, Métodos de Barreira: Situação Atual e no Brasil à Luz da Saúde e dos Direitos Sexuais e Reprodutivos. 1999. (Seminário).

107.
.Reunião Anual do Instituto de Saúde. 1999. (Seminário).

108.
. IV Congresso Brasileiro de Epidemiologia - Epirio - 98. 1998. (Congresso).

109.
. III Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. 1995. (Congresso).

110.
. I Congresso Latino-Americano de Epidemiologia. 1995. (Congresso).

111.
. II Congresso Ibero-Americano. 1995. (Congresso).

112.
.Creando Espacios Comunes en America Latina - Perspectivas de las Mujeres en Materia de Salud Reproductiva. 1995. (Seminário).

113.
Seminário Mulher e AIDS/Instituto de Medicina Social (UERJ).Feminismo e AIDS. 1992. (Seminário).

114.
. I Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. 1986. (Congresso).

115.
.Seminário Direitos reprodutivos. 1985. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LIMA, E. E. C. ; ALVES, L. C. ; MARCONDES, G. S. ; Barbosa, Regina M. . Seminário Condições de Vida e da Morte no Brasil:. 2014. (Congresso).

2.
BARBOSA, R. M.. Seminário ?Saúde e direitos reprodutivos no contexto da epidemia de HIV/Aids: incorporando o conhecimento às ações de cuidado. 2012. (Outro).

3.
BARBOSA, R. M.; ALVARENGA, Augusta Thereza de ; ALMEIDA, C. M. ; Rosa de Lourdes ; ARILHA, M. . Em direção a Cairo +20: Agendas Pendentes e Perspectivas em Saúde, Direitos Sexuais e Direitos Reprodutivos. 2010. (Outro).

4.
BARBOSA, R. M.. Seminário Estadual Saúde da Mulher - I Mostra Estadual de Experiências bem sucedidas em Saúd. 2009. (Congresso).

5.
BARBOSA, R. M.; ALVARENGA, Augusta Thereza de ; Rosa de Lourdes . IV Seminário Temático sobre Saúde das Mulheres e Políticas Públicas. 2009. (Outro).

6.
BARBOSA, R. M.; ALVARENGA, Augusta Thereza de ; Rosa de Lourdes . III Seminário Temático sobre Saúde das Mulheres e Políticas Públicas. 2008. (Outro).

7.
BARBOSA, R. M.; BERQUÓ, E. S. . Prêmio NEPO 25 anos. 2007. (Concurso).

8.
BARBOSA, R. M.. Seminário Saúde Reprodutiva e Sexualidade no Brasil; trajetórias e prespectivas. 2007. (Outro).

9.
BARBOSA, R. M.. Seminário Avaliação em Saúde, Gênero e Eqüidade. 2006. (Outro).

10.
GANGEIRO, Alexandre ; FERRAZ, Dulce ; BARBOSA, R. M. ; VILLELA, Wilza Vieira ; VERAS, Maria Amélia ; BARREIRA, Dráurio ; VELOSO, José Carlos ; NILO, Alessandra . Seminário de Monitoramento e Avaliação do Cumprimento das Metas e Compromissos contidos na Declaração de Compromisso sobre HIV e Aids das Nações Unidas. 2006. (Outro).

11.
BARBOSA, R. M.; AQUINO, E. M. L. . II Wokshop de XII Programa Regionalizado de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2006. (Outro).

12.
BARBOSA, R. M.; AQUINO, E. M. L. . I Wokshop de XII Programa Regionalizado de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2006. (Outro).

13.
LAGO, T. G. ; BERQUÓ, E. S. ; BARBOSA, R. M. ; AQUINO, E. M. L. . Seminário Nacional: Avaliação de Políticas Públicas em Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos. 2005. (Outro).

14.
AQUINO, E. M. L. ; BARBOSA, R. M. . XII Programa Regionalizado de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2005. (Outro).

15.
BARBOSA, R. M.. II Workshop do 7o. Curso Regionalizado Norte/Nordeste. 2002. (Outro).

16.
BARBOSA, R. M.; AQUINO, E. M. L. . II Seminário de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2002. (Outro).

17.
BARBOSA, R. M.. I workshop do VI Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2001. (Outro).

18.
BARBOSA, R. M.. II workshop do VI Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2001. (Outro).

19.
BARBOSA, R. M.. II workshop do VI Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2001. (Outro).

20.
BARBOSA, R. M.; BERQUÓ, E. S. ; AQUINO, E. M. L. ; HEILBORN, Maria Luiza . I Seminário de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2000. (Outro).

21.
BARBOSA, R. M.. VI Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 2000. (Outro).

22.
BARBOSA, R. M.. II workshop do III Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 1999. (Outro).

23.
BARBOSA, R. M.. I workshop do III Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 1999. (Outro).

24.
BARBOSA, R. M.; VILLELA, Wilza Vieira ; BRITO, N. ; PARKER, R. G. . I Seminário Direitos Reprodutivos, Exclusão Social e AIDS. 1998. (Outro).

25.
BARBOSA, R. M.; AQUINO, E. M. L. ; HEILBORN, Maria Luiza . III Programa Regionalizado Sul/Sudeste/Centro-oeste de Introdução à Metodologia de Pesquisa em Gênero, Sexualidade e Saúde Reprodutiva. 1998. (Outro).

26.
BARBOSA, R. M.. Seminário Nacional sobre Câncer Cérvico-Uterino e de Mama. 1985. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Iniciação científica
1.
Heidi Mara Souza. Uso da contarcepção de emergência no contexto da epidemia de HIV/Aids. Início: 2014. Iniciação científica (Graduando em Abi - Física, Matemática/Matemática Aplicada e Computacional) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Dulce Ferraz. Analise da implantação das ações voltadas à prevenção do HIV na rede básica de saúde. 2006. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Saúde Coletiva) - Coordenadoria de Controle de Doenças, Fundação Ford. Coorientador: Regina Maria Barbosa.

2.
Juliana Luporini do Nascimento. Aids e transmissão vertical: um estudo sobre a dinâmica do controle do risco no parto, pós-parto e amamentação. 2005. 105 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Saúde Coletiva) - Coordenadoria de Controle de Doenças, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Regina Maria Barbosa.

3.
Maia Hightower. Perceived risks and benefits of participation in a hypothetical HIV vaccine trial in Sao Paulo. 2003. 0 f. Dissertação (Mestrado em Public Health) - University of Rochester, Rotary International. Coorientador: Regina Maria Barbosa.

Tese de doutorado
1.
Kiyomi Tsuyuki. Dual Protection among Women Living with HIV/AIDS (WLWHA) in Brazil: Examining contextual factors. 2009. Tese (Doutorado em Community Health Sciences) - University of California, Los Angeles, . Coorientador: Regina Maria Barbosa.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Rocío E. C. Alavarez. 2013. Núcleo de Estudos de População, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Regina Maria Barbosa.

2.
Cristiane da Silva Cabral. 2013. Núcleo de Estudos de População, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Regina Maria Barbosa.

Iniciação científica
1.
Maura de Godoy Cervantes. Mudanças recentes no comportamento e nas práticas sexuais da população Brasileira. 2009. Iniciação Científica - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Regina Maria Barbosa.

2.
Vivian Alves do Santos Matozinho. Desejo e Decisão Reprodutiva no Contexto do HIV. 2008. Iniciação Científica - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Regina Maria Barbosa.

3.
Luiz Henrique de Oliveira Simões. Motivação para laqueadura entre gestantes soropositivas no município de São Paulo. 2003. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Regina Maria Barbosa.

Orientações de outra natureza
1.
Regina Fachini. Mulheres, cuidados à saúde, gênero e diversidade sexual. 2005. 30 f. Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Campinas, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

2.
Marylucia Mesquita. Mulheres com práticas homoeróticas da região metropolitana do recife: representações e práticas sobre saúde sexual. 2005. Orientação de outra natureza. (Metodologia Pesquisa Gênero Sexualidade Saúde) - Instituto de Saúde Coletiva Ufba, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

3.
Isadora Borges Nolasco Oliveira. Trajetórias de mulheres negras vivendo com HIV/AIDS: a acessibilidade à atenção em saúde em Salvador. 2005. Orientação de outra natureza. (Metodologia Pesquisa Gênero Sexualidade Saúde) - Instituto de Saúde Coletiva Ufba, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

4.
Leandro Oliveira. Práticas sexuais e performance de gênero entre homens em contexto de camada popular. 2005. Orientação de outra natureza - Instituto de Medicina Social Uerj, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

5.
Fátima Regina Cecchetto. Os lutadores e seus corpos: gênero e sexualidade entre praticantes de jiu-jítsu no Rio de Janeiro. 2004. 25 f. Orientação de outra natureza. (Metodologia de Pesquisa Gênero Sexualidade Saúde) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

6.
Júnia Valeria Quiroga da Cunha. Raça, gênero e vulnerabilidade entre casais: negociação sexual e prevenção de DST`s/AIDS em uniões heterossexuais em comunidades faveladas de Belo Horizonte - MG.. 2004. 20 f. Orientação de outra natureza. (Metodologia de Pesquisa Gênero, Sexualidade, Saúde) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

7.
Aglaêr Nobrega. Mulheres com práticas homoeróticas da região metropolitana do recife: representações e práticas sobre saúde sexual. 2004. Orientação de outra natureza. (Metodologia de Pesquisa Gênero Sexualidade Saúde) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

8.
Maria de Fátima Paz Alves. Sexualidade e prevenção de DST/AIDS: um estudo sobre representações socais de homens residentes na zona rural de um município da zona da mata pernambucana. 2003. 0 f. Orientação de outra natureza - Instituto de Saúde Coletiva Ufba, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

9.
Ana Marcia Spano. A mulher frente as dificuldades no aleitamento materno. 2002. 0 f. Orientação de outra natureza - Universidade Estadual de Campinas, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

10.
Maria Luiza de Carvalho. As famílias e os desafios institucionais na participação dos pais no nascimento em maternidade pública. 2002. 0 f. Orientação de outra natureza - Núcleo de Estudos de População, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

11.
Luzia Aparecida de Oliveira. Práticas Assistenciaisem Saúde e Direitos Reprodutivos de Pessoas Vivendo com Hiv/Aids: Um Diálogo Possível?. 2002. 22 f. Orientação de outra natureza - Núcleo de Estudos de População, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

12.
Carmem Tornquist. Análise de uma experiência de humanização do parto em Florianópolis:as representações das usuárias. 2001. 15 f. Orientação de outra natureza - Instituto de Medicina Social Uerj, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.

13.
Ana Isabel Fábregas-Martinez. Explorando a sexualidade do michê na cidade de Porto Alegre. 2000. 32 f. Orientação de outra natureza - Núcleo de Estudos de População, Fundação Ford. Orientador: Regina Maria Barbosa.



Educação e Popularização de C & T



Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
BARBOSA, R. M.. O saber concebe a práxis. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
BARBOSA, R. M.. Nao é o que parece. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/12/2018 às 4:13:08