Gilberto Felisberto Vasconcellos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7395283338081512
  • Última atualização do currículo em 19/06/2018


Possui graduação em Ciências Sociais (1972) e doutorado pela Universidade de São Paulo (1977). Atualmente é professor Titular da Universidade Federal de Juiz de Fora. Tem experiência na área da Sociologia com ênfase na Cultura, Economia Política e Agricultura, atuando principalmente nos seguintes temas: Pensamento Social Brasileiro, Sociologia da Arte, Desenvolvimento, Energia e Folclore. Coordenador do laboratório audiovisual KIVIDEOBIOPSICOMASSAFOLK dirigindo a produção de dezenas de vídeos. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Gilberto Felisberto Vasconcellos
Nome em citações bibliográficas
VASCONCELLOS, G. F.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Juiz de Fora, Instituto de Ciências Humanas, Departamento de Ciências Sociais.
Campus Universitário
Martelos
36015400 - Juiz de Fora, MG - Brasil
Telefone: (032) 32293104
Fax: (032) 2212060
URL da Homepage: www.ufjf.br


Formação acadêmica/titulação


1973 - 1977
Doutorado em Sociologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Ideologia Curupira, Ano de obtenção: 1977.
Orientador: Gabriel Cohn.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Autoritarismo; Integralismo; Modernismo.
Grande área: Ciências Humanas
1968 - 1972
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.




Formação Complementar


1983 - 1984
Extensão universitária em Antropologia.
SOCIAL RESEARCH COUNCIL, SRC, Estados Unidos.
1983 - 1983
Extensão universitária em Sociologia.
FUNDAÇÃO CALOUTE GULBENKIAN, FCG, Portugal.
1982 - 1983
Extensão universitária em Sociologia.
Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Atuação Profissional



Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Brasil.
Vínculo institucional

1987 - Atual
Vínculo: Depto de Ciências Sociais, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2013 - Atual
Ensino, Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Humanas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia: História, temas e atualidade
03/2010 - Atual
Ensino, Bacharelado Interdisciplinar em Artes e Design, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia das Artes
2003 - Atual
Ensino,

Disciplinas ministradas
Folclore
Sociologia da Arte
03/2012 - 07/2013
Ensino, Jornalismo, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia da Comunicação
03/2010 - 01/2011
Ensino, Abi - Ciências Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Folclore Brasileiro
03/2010 - 07/2010
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
A Teoria do Desenvolvimento do Subdesenvolvimento
03/2009 - 07/2009
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
A Teoria do Desenvolvimento do Subdesenvolvimento
03/2008 - 07/2008
Ensino, Artes, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia da Arte

Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.
Vínculo institucional

1982 - 1983
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor titular

Atividades

1982 - 1983
Ensino, CIÊNCIAS SOCIAIS, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
SOCIOLOGIA DAS ARTES, FOLCLORE BRASILEIRO, SOCIOLOGIA DA COMUNICAÇÃO

Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.
Vínculo institucional

1974 - 1974
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: PROFESSOR HONORISTA

Atividades

06/1974 - 06/1978
Ensino, FREUD-MARXISMO E ESCOLA DE FRANKFURT, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
FREUD-MARXISMO E ESCOLA DE FRAKFURT
06/1974 - 06/1978
Ensino, INTEGRALISMO BRASILEIRO, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
INTEGRALISMO BRASILEIRO


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
DA POESIA CONCRETA AO CINEMA NOVO: ESTÉTICA E POLÍTICA NA DÉCADA DE 60
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador.
2016 - Atual
As convergências e divergências entre o ecosocialismo e a Escola da Biomassa: crise ecológica e energética
Descrição: Evidenciar para os estudiosos de ciências humanas que não se pode entender a dinâmica da sociedade, seja desenvolvida ou subdesenvolvida, sem levar em consideração a existência da energia, a qual não é criada pelo homem, conforme ensina a termodinâmica. Decorre daí que a geografia, principalmente a posição cósmica do sol, é um fator determinante na produção da energia vegetal, que é abundante nas regiões intertropicais. Além do ponto de vista energético, esperamos que nossa pesquisa traga subsídios para pensar a crise energética que assola a humanidade neste século XXI, colocando em risco a sobrevivência do planeta e de todas as espécies animais. Os cientistas brasileiros que serão estudados nesta pesquisa interdisciplinar, revelam ainda que não programaticamente, que o ecossocialismo não pode ser construído com uma energia anti-ambiental extraída da matriz fóssil, tampouco com a alternativa da energia nuclear sujeita a acidentes que podem assumir dimensões catastróficas com o plutônio..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador / Pedro Henrique Pereira Andery - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal de Juiz de Fora - Bolsa.
2016 - Atual
A Escola da Biomassa e os biocombustíveis: de Minas Gerais para o MERCOSUL
Descrição: Este projeto de pesquisa consiste em um inventário memorialístico sobre os diálogos e conversas mantidos com os cientistas J. W. Bautista Vidal e Marcelo Guimarães acerca da necessidade de se implantarem as microdestilarias a álcool, pioneiramente construídas em Minas Gerais, para os países latino-americanos. O processo civilizatório se faz com a combinação de energia e tecnologia, cabendo crucial observância no sentido de dimensionar a questão do biocombustível na América Latina. Para existir desenvolvimento não basta o recurso energético estratégico. É preciso a soberania nacional para equacioná-lo a partir de geração autopropulsora de tecnologia. A microdestilaria a álcool inscreve-se como um programa de biocombustíveis dotado de dimensão continental (levando em consideração a diversidade regional e as diferenças de clima e vegetação), que enfrenta o flagelo maior da pobreza e da existência de uma exorbitante força de trabalho excedente, obrigada a se deslocar para as periferias e favelas das cidades. O objetivo da implantação dessa microdestilaria é a melhoria da qualidade de vida da população, absorvendo o excedente de mão-de-obra em vários níveis produtivos. O que se depreende dos ensinamentos legados por Bautista Vidal e Marcelo Guimarães é que o álcool-combustível não requer o latifúndio para ser produzido com eficiência e qualidade..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador / Felipe da Silva Souza - Integrante / Milene Tavares de Araújo - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
2015 - 2016
Classe social como sujeito histórico: a contribuição analítica de Darcy Ribeiro para as Ciências Sociais
Descrição: Análise do conceito de classe social como sujeito histórico e força motriz da história: abordagem específica da estrutura de classe feita por Darcy Ribeiro acerca das sociedades latino-americanas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador / (Felipe da Silva Souza) - Integrante / Pedro Henrique Pereira Andery - Integrante.
2013 - 2014
Autodesenvolvimento: Microdestilarias de álcool em Minas Gerais
Descrição: Esta pesquisa aborda o etanol produzido em microdestilarias na região de Minas Gerais (Mateus Leme). Agricultura familiar que articula biocombustível e alimento, daí o conceito de autodesenvolvimento que designa o álcool de alambique, o leite, o adubo orgânico e os alimentos. Nosso ponto de partida é a unidade-fazenda de Marcelo Guimarães, que nos legou vários depoimentos e entrevistas em vídeos, os quais iremos coletar e fazer a montagem de que resultara um produto audiovisual com objetivo de mostrar didaticamente como funciona a tecnologia da microdestilaria que integra dois elementos simultâneos: a produção de energia e a produção de alimentos. Abordaremos o sistema produtivo de energia limpa e alimentos que dispensam os adubos nitrogenados feitos por corporações multinacionais na área da agricultura. Trata-se de um vídeo e um livro cujo foco é o caráter indissolúvel entre a interação energético-alimentar e a questão ecológica, acrescido do significado social (cidadania), pois a microdestilaria a álcool poderá gerar milhares de empregos na zona rural de Minas Gerais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador / Bruno Rocha Abadias - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
2011 - 2012
SILVA MELLO: A CRÍTICA E A EPISTEMOLOGIA DA MEDICINA DOS TRÓPICOS
Descrição: Este projeto tem por objetivo o resgate da crítica sociológica de Antônio da Silva Mello à indústria farmacêutica e de alimentos, bem como das contribuições silvamellianas à epistemologia, trabalho que resultará na publicação de dois livros: o primeiro condensará o pensamento do médico juizforano a cerca da indústria farmacêutica e alimentícia e sua relação com a medicina. O segundo, sua epistemologia, ou seja, as idéias de Silva Mello sobre ciência e método..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador / Guilherme Gravina Pereira - Integrante / Bruno Rocha Abadias - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal de Juiz de Fora - Bolsa.
2008 - 2010
A Tipologia Etnonacional De Darcy Ribeiro Sobre Os Países Latinoamericanos
Descrição: A analise da classificação etno-nacional empreendida por Darcy Ribeiro em seus livros sobre antropologia das civilizações a respeito das diferenças entre os países da América Latina com seus respectivos padrões de desenvolvimento. Essa tipologia está consubstanciada em seus livros O Processo Civilizatório, As Américas e a Civilização ,O dilema da América Latina, escritos durante o seu exílio a partir de 1964 no Uruguai..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador / Ana Carolina de Almeida Lacerda - Integrante / Guilherme Gravina Pereira - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2003 - 2004
Silva Mello e a Medicina da Felicidade
Descrição: Um dos objetivos dste projeto é a publicação de 2(dois) livros de Silva Mello inéditos, a saber: Verdades Quase Desconhecidas e Destinos Humanos. Do resultado desta pesquisa resultará futuramente outro livro da minha autoria sobre a inserção de Silva Mello no panorama cultural e científico do Brasil e exterior. Já publicamos alguns textos no caderno Mais da Folha de São Paulo, assim como realizamos conferências sobre o mesmo tema no Congresso Nacional de Medicina, realizado em Barbacena em julho/2002. Silva Mello, tem muito a oferecer para os graduandos das universidades, assim como para a classe médica, haja visto ter sido Silva Mello o dono da cadeira 19 da Academia Brasileira de Letras, elogiadíssimo por grandes nomes como Monteiro Lobato, Clarice Lispector, Manuel Bandeira, José Montello e outros renomados da nossa literatura. Como médico, foi um profissional de primeira grandeza, tendo sido amigo pessoal e médico de Eisten, causando ainda nos dias de hoje grande adimiração pelos profissionais de sua área. Seu nome, juntamente com seus feitos merece ser levado ao conhecimento de todos os brasileiros..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
2002 - 2003
O EDUCADOR DARCY RIBEIRO NA PERSPECTIVA DO HUMANISMO COMO CORRENTE FILOSÓFICA
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador.
1997 - 2000
BIOGRAFIA E REGIONALIDADE: A PASSAGEM DE GLAUBER ROCHA POR MINAS GERAIS E A PRESENÇA DE MINAS GERAIS NA OBRA DE GLAUBER ROCHA.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador.


Projetos de desenvolvimento


2016 - Atual
A Escola da Biomassa e os Biocombustíveis de Minas Gerais para o Mercosul
Descrição: Este projeto trata das microdestilarias a álcool desenvolvida pela Escola Brasileira da Biomassa e sua possível expansão para o continente latino-americano, sobretudo para as regiões tropicais dotadas de alta incidência solar e abundância de água doce..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Gilberto Felisberto Vasconcellos - Coordenador / Felipe da Silva Souza - Integrante.


Membro de corpo editorial


2009 - 2015
Periódico: Revista Senso Comum (UFG) (1982-4165)
2009 - Atual
Periódico: Psicanálise & Barroco em Revista
2007 - Atual
Periódico: Cronos (Natal)


Membro de comitê de assessoramento


2015 - Atual
Agência de fomento: Pró-Reitoria de Pesquisa


Revisor de periódico


2016 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Estudos Políticos


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Desenvolvimento.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Energia.
5.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Cinema.
6.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2011
Prêmio Zé Sette, Primeiro Plano.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
VASCONCELLOS, G. F.2018VASCONCELLOS, G. F.. Os brasileiros não somos pasolinianos. REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos, v. 8, p. 734, 2018.

2.
VASCONCELLOS, G. F.2017VASCONCELLOS, G. F.. O cineasta Glauber Rocha e a América Latina. Estudos Ibero-Americanos (PUCRS. Impresso), v. 43, p. xx-xx, 2017.

3.
VASCONCELLOS, G. F.2017VASCONCELLOS, G. F.. Bom dia Gondin. REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos, v. 7, p. 1-2, 2017.

4.
VASCONCELLOS, G. F.2016VASCONCELLOS, G. F.. O Pensamento Dialético de Luís da Câmara Cascudo e os 60 anos do Dicionário do Folclore Brasileiro. Revista Rebela, v. 6, p. web, 2016.

5.
VASCONCELLOS, G. F.2016VASCONCELLOS, G. F.. O colapso energético e ecológico do capitalismo. Revista Rebela, v. 6, p. web-web, 2016.

6.
VASCONCELLOS, G. F.2015VASCONCELLOS, G. F.. Autodesenvolvimento: Microdestilarias à álcool em Minas Gerais. REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos, v. 5, p. online, 2015.

7.
VASCONCELLOS, G. F.2015VASCONCELLOS, G. F.. O idioma de Rogério Sganzerla e os idiotas da telenovela. Revista Rebela, v. 5, p. online, 2015.

8.
VASCONCELLOS, G. F.2014VASCONCELLOS, G. F.. Oswald de Andrade - O Salva Vidas da literatura brasileira. REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos, v. 4, p. online, 2014.

9.
VASCONCELLOS, G. F.2014VASCONCELLOS, G. F.. Nildo Ouriques, discípulo de Ruy Mauro Marini, detona os cipayos esclarecidos de São Paulo. REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos, v. 4, p. online, 2014.

10.
VASCONCELOS, G. F.2013VASCONCELOS, G. F. ; VASCONCELLOS, G. F. . Xuxa, 50 A mídia, a mulher, o amor, o dinheiro e o pai do homem. Serrote, v. 14, p. 13-18, 2013.

11.
VASCONCELLOS, G. F.2013VASCONCELLOS, G. F.. O Insensato Ludovico Silva entre a Poesia e o Marxismo. REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos, v. 3, p. online, 2013.

12.
VASCONCELLOS, G. F.2012VASCONCELLOS, G. F.. LUDOVICO SILVA: DO ESTILO LITERÁRIO DE MARX À MAIS VALIA IDEOLOGICA.. Revista Política: para la independencia y la unidad de América Latina, v. 12, p. 187-193, 2012.

13.
VASCONCELLOS, G. F.2011VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro e a Gestação Conceitual da Antropologia das Civilizações. Revista Política: para la independencia y la unidad de América Latina, v. 1, p. 101-115, 2011.

14.
VASCONCELLOS, G. F.2011VASCONCELLOS, G. F.. Do Barroco Mineiro ao Contemporâneo Barraco. Psicanálise & Barroco em Revista, v. 1, p. online, 2011.

15.
VASCONCELLOS, G. F.2010VASCONCELLOS, G. F.. Trinta anos depois: ideologia curupira. Locus (UFJF), v. 16, p. 11-15, 2010.

16.
VASCONCELLOS, G. F.2010VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro: As Várias Peles De Um Só Corpo. Revista Brasileira (Rio de Janeiro. 1941), v. 65, p. 187-198, 2010.

17.
VASCONCELLOS, G. F.2009VASCONCELLOS, G. F.. Da Saudade à Ninguendade: Portugais e Brasis. Ipotesi (UFJF), v. 12, p. 09-19, 2009.

18.
VASCONCELLOS, G. F.2009VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro e a gestação conceitual da antropologia das civilizações. Revista Política: para la independencia y la unidad de América Latina, v. año 4, p. 149-159, 2009.

19.
VASCONCELLOS, G. F.2008VASCONCELLOS, G. F.. Brasil: O Dólar Contra o Sol Na Terra do Etanol. Revista Política: para la independencia y la unidad de América Latina, v. 1, p. 149-159, 2008.

20.
VASCONCELLOS, G. F.2008VASCONCELLOS, G. F.. RETORNO AO RECALCADO: O NACIONALISMO NA CULTURA BRASILEIRA. Projeto História (PUCSP), v. 36, p. 313-327, 2008.

21.
VASCONCELLOS, G. F.2008VASCONCELLOS, G. F.. O País do Alimento. Revista Brasileira (Rio de Janeiro), v. 1, p. 165-175, 2008.

22.
VASCONCELLOS, G. F.2007VASCONCELLOS, G. F.. Um Intelectual Revolucionário Vítima Do Crime Acadêmico. Fórum (São Paulo), v. 54, p. 38-39, 2007.

23.
VASCONCELLOS, G. F.2005VASCONCELLOS, G. F.. Getúlio e a Revolução Brasileira. Cadernos IHU em Formação (UNISINOS), v. 1, p. 39-40, 2005.

24.
VASCONCELLOS, G. F.2000VASCONCELLOS, G. F.. Imaginário Popular e Geografia do Brasil: Prolegômenos Ao Desencontro Entre Folclore e o Marxismo. Geosul (UFSC), v. 5, p. 124-144, 2000.

25.
VASCONCELLOS, G. F.1983VASCONCELLOS, G. F.; GILBERTO, F. . Gosto Gozado, Gosto Sublimado.. Ciência e Trópico, v. 4, p. 70-75, 1983.

26.
VASCONCELLOS, G. F.1977VASCONCELLOS, G. F.; GILBERTO, F. . Geleia Geral. DEBATE E CRITICA, v. 5, p. 40-46, 1977.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Ideologia Curupira - Análise do discurso integralista 2ª edição. 2ª. ed. Porto Alegre/Santo Amaro: ediPUCRS, EDUPE, 2017. 197p .

2.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro - A razão iracunda. 001. ed. Florianópolis: Editora da Universidade Federal de Santa Catarina, 2015. v. 1. 258p .

3.
VASCONCELLOS, G. F.. Nossa vida de cada dia entre o supermercado e a drogaria - ensaio sobre Silva Mello. 1. ed. Juiz de Fora: Editora UFJF, 2014. v. 1. 147p .

4.
VASCONCELLOS, G. F.. Gunder Frank o enguiço das ciências sociais. 1. ed. Florianópolis -SC: Insular, 2014. v. 1. 237p .

5.
VASCONCELLOS, G. F.. A Questão do Folclore no Brasil: do Sincretismo à Xifopagia. 1. ed. Natal, RN: EDUFRN - Editora da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2009. v. 1000. 100p .

6.
VASCONCELLOS, G. F.. Depois de Leonel Brizola. 1. ed. São Paulo: Caros Amigos Editora, 2008. v. 1. 76p .

7.
VASCONCELLOS, G. F.. A Jangada do Sul. 1. ed. São Paulo: Casa Amarela, 2005. v. 1. 134p .

8.
VASCONCELLOS, G. F.. Verdades quase desconhecidas - Silva Mello. 1. ed. Juiz de Fora: Editora UFJF, 2004. v. 1. 120p .

9.
VASCONCELLOS, G. F.. Brazil no Prego. 1. ed. Rio de Janeiro: Revan, 2004. v. 1. 212p .

10.
VASCONCELLOS, G. F.; VIDAL, J. B. . Dialética dos Trópicos. Brasília: Instituto do Sol, 2002.

11.
MELLO, Antônio da Silva (Org.) ; VASCONCELLOS, G. F. (Org.) . A boca do homem: cárie, mastigação e mau hálito. São João Del Rey - MG: Ponte da Cadeia, 2002. 139p .

12.
VASCONCELLOS, G. F.. A salvação da lavoura: receita da fartura para o povo brasileiro. 1. ed. São Paulo: Casa Amarela, 2002. v. 1. 90p .

13.
VASCONCELLOS, G. F.. Biomassa, a Eterna Energia do Futuro. 1. ed. São Paulo: SENAC, 2001. v. 1. 142p .

14.
VASCONCELLOS, G. F.; VIDAL, J. B. . Petrobrás - Um Clarão na História. Brasília: Instituto do Sol, 2001. 215p .

15.
MELLO, Antônio da Silva (Org.) ; VASCONCELLOS, G. F. (Org.) . Histórias de um menino e as transformações do mundo. São João Del Rey - MG: Ponte da Cadeia, 2001. v. 1. 241p .

16.
VASCONCELLOS, G. F.. Glauber Pátria Rocha Livre. 1. ed. São Paulo: Senac, 2001. v. 1. 167p .

17.
VASCONCELLOS, G. F.. O Xará de Apipucos. 1. ed. São Paulo: Casa Amarela, 2000. v. 1. 152p .

18.
VASCONCELLOS, G. F.; VIDAL, J. B. . O Poder dos Trópicos. 1. ed. São Paulo: Casa Amarela, 1999. v. 1. 304p .

19.
VASCONCELLOS, G. F.. As Ruínas do Pós Real. 1. ed. São Paulo: Espaço e Tempo, 1999. v. 1. 212p .

20.
VASCONCELLOS, G. F.. Itamar o Predestinado. , 1998.

21.
VASCONCELLOS, G. F.. O Cabaré das Crianças. 1. ed. São Paulo: Espaço e Tempo, 1997. v. 1. 212p .

22.
VASCONCELLOS, G. F.. O Príncipe da Moeda. 1. ed. São Paulo: Espaço e Tempo, 1997. v. 1. 264p .

23.
VASCONCELLOS, G. F.. A Sociologia do Cabaré Infantil. , 1992.

24.
VASCONCELLOS, G. F.; GILBERTO, F. . Collor a Cocaína dos Pobres. SAO PAULO: ICONE, 1989. 96p .

25.
VASCONCELLOS, G. F.; GILBERTO, F. . Brizula, A Esperanca do Povo. BRASILIA: PAJELANCA, 1989.

26.
VASCONCELLOS, G. F.; GILBERTO, F. . Ideologia Curupira. SAO PAULO: BRASILIENSE, 1978. 207p .

27.
VASCONCELLOS, G. F.. De Olho Na Fresta. RIO DE JANEIRO: GRAAL, 1977. 90p .

Capítulos de livros publicados
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Departamentos, professores, alunos. In: Nildo Ouriques; Waldir José Rampinelli. (Org.). Crítica à razão acadêmica. 1ed.Florianópolis: Editora Insular, 2017, v. 2, p. 59-87.

2.
VASCONCELLOS, G. F.. Nossa Juvenília na Rua Martim Francisco, ou, Monzani, Stekel e Silva Mello. In: Richard Theisen Simanke; Fátima Caropreso; Francisco Verardi Bocca. (Org.). O Movimento de um Pensamento: Ensaios em Homenagem a Luiz Roberto Monzani. Curitiba: Editora CRV, 2011, v. , p. 217-222.

3.
VASCONCELLOS, G. F.. Apresentação da primeira edição. In: Leandro Pereira Gonçalves; Renata Duarte Simões. (Org.). Entre tipos e recortes: história da imprensa integralista. 2ed.Rio Grande do Sul: EDIPUCRS, 2011, v. 1, p. 11-11.

4.
VASCONCELLOS, G. F.. O encontro mais importante do século XXI: a energia vegetal da biomassa com o tralhismo nacionalista brasileiro. Projeto Brasil Trabalhista. 2ed.Rio de Janeiro: Fundação Alberto Pasqualini, 2006, v. 3, p. 15-37.

5.
VASCONCELLOS, G. F.. Música Popular Brasileira: 1930-1964. In: Sérgio Buarque de Holanda. (Org.). História Geral da Civilização Brasileira. 4ed.São Paulo: Bertrand Brasil, 1995, v. 11, p. 503-523.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Grana ao pé de página. Caros amigos, São Paulo brasil, p. 8 - 8, 11 nov. 2014.

2.
VASCONCELLOS, G. F.. Adiós ao Caudilho Revolucionário. Caros Amigos, São Paulo brasil, p. 4 - 5, 15 jul. 2014.

3.
VASCONCELLOS, G. F.. A política energética é antitrópico. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 10 - 10, 14 jul. 2014.

4.
VASCONCELLOS, G. F.. Brizola: São Paulo, amnésia criminosa. Revista Caros Amigos, 24 jun. 2014.

5.
VASCONCELLOS, G. F.. Estou de Saco Cheio do Capitalismo. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 11 - 11, 09 jun. 2014.

6.
VASCONCELLOS, G. F.. Walter da Silveira contra o estrangeirismo paulista e o pornopitoresco carioca. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 14 - 14, 12 maio 2014.

7.
VASCONCELLOS, G. F.. Plutônio na terra do sol. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 16 - 16, 21 abr. 2014.

8.
VASCONCELLOS, G. F.. A trapaça da historiografia chapa-branca. Subtrópicos, Florianópolis, p. 2 - 3, 03 mar. 2014.

9.
VASCONCELLOS, G. F.. Dilma e o homem colonial. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 10 - 10, 10 fev. 2014.

10.
VASCONCELLOS, G. F.. Jânio, Jango, Glauber e Brizola. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 13 - 13, 20 jan. 2014.

11.
VASCONCELLOS, G. F.. Dona Dilma, dona Marina e dona Janaína. Caros Amigos, São Paulo, p. 08 - 08, 09 dez. 2013.

12.
VASCONCELLOS, G. F.. Bautista Vidal. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 10 - 12, 17 jun. 2013.

13.
VASCONCELLOS, G. F.. Trotsky e Getúlio. Caros Amigos, São Paulo, p. 08 - 08, 15 fev. 2013.

14.
VASCONCELLOS, G. F.. Por que eu e Iemanjá somos contra o pré-sal?. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 16 - 16, 12 mar. 2012.

15.
VASCONCELLOS, G. F.. O dragão guerreiro contra o santo da maldade. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 11 - 11, 19 dez. 2011.

16.
VASCONCELLOS, G. F.. Ludovico Silva. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 16 - 16, 17 nov. 2011.

17.
VASCONCELLOS, G. F.. Américca latina esquizofrenizada pelo imperialismo angloianque. Revista Caros Amigos, p. 13 - 13, 13 set. 2011.

18.
VASCONCELLOS, G. F.. De Jobim a Amorim passando pela Guerra do Paraguai. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 12 - 12, 22 ago. 2011.

19.
VASCONCELLOS, G. F.. Iemanjá é contra o Pré-sal. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 18 - 18, 23 maio 2011.

20.
VASCONCELLOS, G. F.. Sem Terra, Sem Poder e Sem Política. Revista Caros Amigos, p. 12 - 12, 15 mar. 2011.

21.
VASCONCELLOS, G. F.. A miséria do povo e a misericórdia do PMDB. Caros Amigos, p. 11 - 11, 02 jan. 2011.

22.
VASCONCELLOS, G. F.. Karl Marx e o vampiro da direita. Caros Amigos, p. 44 - 44, 02 jan. 2010.

23.
VASCONCELLOS, G. F.. Saúde, Drogaria, Comida e Capitalismo. Revista Caros Amigos, p. 20 - 20, 01 set. 2009.

24.
VASCONCELLOS, G. F.. Lulofóbico, Eu?. Revista Caros Amigos, p. 18 - 18, 01 ago. 2009.

25.
VASCONCELLOS, G. F.. Se Você Comesse Bosta Seria Melhor. Revista Caros Amigos, p. 8 - 8, 01 jul. 2009.

26.
VASCONCELLOS, G. F.. Luta de Lula e Krassissociales. Revista Caros Amigos, p. 10 - 10, 01 jun. 2009.

27.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro e os EUA. Revista Caros Amigos, p. 10 - 10, 01 maio 2009.

28.
VASCONCELLOS, G. F.. Antropofagia e Comida Multinacional. Revista Caros Amigos, p. 10 - 10, 01 abr. 2009.

29.
VASCONCELLOS, G. F.. Sociologia do Vale de Lágrimas. Revista Caros Amigos, p. 13 - 13, 01 mar. 2009.

30.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy de Novo e Sempre. Revista Caros Amigos, p. 17 - 17, 01 fev. 2009.

31.
VASCONCELLOS, G. F.. O Subversivo Andre Gunder Frank. Revista Caros Amigos, p. 38 - 38, 01 jan. 2009.

32.
VASCONCELLOS, G. F.. Obama, Os Bacanas e Nós. Revista Caros Amigos, p. 10 - 10, 01 dez. 2008.

33.
VASCONCELLOS, G. F.. América, A Ira do Imperialismo. Revista Caros Amigos, p. 12 - 12, 01 nov. 2008.

34.
VASCONCELLOS, G. F.. O país do alimento. Revista Brasileira (Rio de Janeiro. 1941), Rio de Janeiro, p. 265 - 275, 10 out. 2008.

35.
VASCONCELLOS, G. F.; PAIVA JUNHO, Yago Euzébio Bueno . O percurso de um nacionalista. Sociologia (São Paulo. 2006), São Paulo, p. 6 - 10, 03 out. 2008.

36.
VASCONCELLOS, G. F.. Um Livro Honesto Sobre Leonel Brizola. Revista Caros Amigos, , v. 139, p. 13 - 13, 01 out. 2008.

37.
VASCONCELLOS, G. F.. Meu Amigo Marcello Guimarães. Revista Caros Amigos, p. 21 - 21, 01 set. 2008.

38.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro Ou a Mistura Sem Mistura. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 19 - 19, 01 jun. 2008.

39.
VASCONCELLOS, G. F.. Favelados e sem-terra, uni-vos!. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 18 - 18, 12 maio 2008.

40.
VASCONCELLOS, G. F.. Um petucanito nervoso na Colômbia. Revista Caros Amigos, p. 13 - 13, 01 abr. 2008.

41.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy or not Darcy, that's the question. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 37 - 37, 15 fev. 2008.

42.
VASCONCELLOS, G. F.. A Democracia da Cagada. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 37 - 37, 01 jan. 2008.

43.
VASCONCELLOS, G. F.. Angatuba, Angacuba Caipira. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 37 - 37, 01 jan. 2008.

44.
VASCONCELLOS, G. F.. Uma falsa antítese: etanol versus comida. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 128, p. 15 - 15, 01 nov. 2007.

45.
VASCONCELLOS, G. F.. Sol a pino na Argentina com Solanas. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 127, p. 18 - 18, 01 out. 2007.

46.
VASCONCELLOS, G. F.. O godardiano Brizola. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 125, p. 42 - 42, 01 ago. 2007.

47.
VASCONCELLOS, G. F.. Educação não deveria ser privilégio de poucos. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E7 - E7, 06 jul. 2007.

48.
VASCONCELLOS, G. F.. O bolivariano Chávez brizolou em Miraflores. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 124, p. 32 - 32, 01 jul. 2007.

49.
VASCONCELLOS, G. F.. O bebum libertário da terra de Chávez. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 123, p. 20 - 20, 01 jun. 2007.

50.
VASCONCELLOS, G. F.. O gênio Ludovico Silva da Venezuela. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 122, p. 29 - 29, 01 maio 2007.

51.
VASCONCELLOS, G. F.. O eldorado do etanol para os gringos. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 121, p. 39 - 39, 01 abr. 2007.

52.
VASCONCELLOS, G. F.. Latifúndios no Brasil, o objetivo de Bush. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 120, p. 43 - 43, 01 mar. 2007.

53.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro é o socialismo moreno bolivariano. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 120, p. 14 - 14, 01 mar. 2007.

54.
VASCONCELLOS, G. F.. Autora analisa intelectuais inconformistas com saudade inteligente. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 17 fev. 2007.

55.
VASCONCELLOS, G. F.. Saudades do darça ou deixa o proleta trampar para produzir lucros exportáveis. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 119, p. 29 - 29, 01 fev. 2007.

56.
VASCONCELLOS, G. F.. O imperialismo sumiu no mar e o computador substituiu a dialética. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 118, p. 44 - 44, 01 jan. 2007.

57.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro vítima da criminalidade acadêmica. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 117, p. 39 - 39, 01 dez. 2006.

58.
VASCONCELLOS, G. F.. Lulakimicopornovideofasciofinanceiropolicial. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 116, p. 38 - 38, 01 nov. 2006.

59.
VASCONCELLOS, G. F.. Coletânea sobre 1964 tem altos e baixos. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E7 - E7, 07 out. 2006.

60.
VASCONCELLOS, G. F.. O novo sonho de JK. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 6 - 6, 01 out. 2006.

61.
VASCONCELLOS, G. F.. Nuestro milagre multinacional ou agabiotários uni-vos. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 115, p. 41 - 41, 01 out. 2006.

62.
VASCONCELLOS, G. F.. Saudades do general Glauber Rocha. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 114, p. 19 - 19, 01 set. 2006.

63.
VASCONCELLOS, G. F.. Do cabaré pop das crianças às perdas internacionais dos futebolers. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 113, p. 21 - 21, 01 ago. 2006.

64.
VASCONCELLOS, G. F.. A civilização da fotossíntese. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 8 - 8, 02 jul. 2006.

65.
VASCONCELLOS, G. F.. O PCC Trade Center paulista e a cadeia do capitá eztranjeyro nem quem tiver chinelo de dedo não sobra. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 112, p. 39 - 39, 01 jul. 2006.

66.
VASCONCELLOS, G. F.. Socialismo gasoduto Venezuela-Argentina com Brasilafeganistão no meio é a maior insânia neste século da biomassa vegetal. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 111, p. 39 - 39, 01 jun. 2006.

67.
VASCONCELLOS, G. F.. Energia, trópico, reforma agrária, rango: MST e escola da biomassa. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 110, p. 31 - 31, 01 maio 2006.

68.
VASCONCELLOS, G. F.. Romero une o mestiço ao nacional. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 08 abr. 2006.

69.
VASCONCELLOS, G. F.. Cultura à prova de choque. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 7 - 7, 02 abr. 2006.

70.
VASCONCELLOS, G. F.. Venutopias Bolivarianas 73 escritas por Darcy Ribeiro para o futuro Hugo Chávez brizolista. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 109, p. 39 - 39, 01 abr. 2006.

71.
VASCONCELLOS, G. F.. Do estrago causado pela televisão na História. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 108, p. 23 - 23, 01 mar. 2006.

72.
VASCONCELLOS, G. F.. Um antropólogo bom de ouvido. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 8 - 8, 12 fev. 2006.

73.
VASCONCELLOS, G. F.. A questão nacional nas eleições 2006 passa pelo partido político de Darcy e Brizola. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 107, p. 23 - 23, 01 fev. 2006.

74.
VASCONCELLOS, G. F.. A missão reguladora. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 6 - 6, 22 jan. 2006.

75.
VASCONCELLOS, G. F.. Emissora foi momento jubiloso da cultura brasileira. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 03 jan. 2006.

76.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro, ignoto deo na antropologia do novo mundo. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 106, p. 36 - 36, 01 jan. 2006.

77.
VASCONCELLOS, G. F.. Daslula livra a tucanalha e leva vaia no velório do Briza. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 105, p. 25 - 25, 01 dez. 2005.

78.
VASCONCELLOS, G. F.. A aristocracia sindical de pensão do capitalismo videofinanceiro. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 104, p. 21 - 21, 01 nov. 2005.

79.
VASCONCELLOS, G. F.. Uma periferia chamada Brasil. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 7 - 7, 30 out. 2005.

80.
VASCONCELLOS, G. F.. O último recado de Leonel Brizola foi sobre as hurnas heletrónykas e a necessidade do congresso proibir as pesquisas de intenção de voto. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 103, p. 19 - 19, 01 out. 2005.

81.
VASCONCELLOS, G. F.. O conto do ex-operário atrasou um século o socialismo no Brasil. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 102, p. 35 - 35, 01 set. 2005.

82.
VASCONCELLOS, G. F.. O computador e o analfabeto. Folha de São Palo, São Paulo, p. 8 - 8, 21 ago. 2005.

83.
VASCONCELLOS, G. F.. Roda Viva Tv Cultura ponta de lança tucana e o operariado desencantado. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 101, p. 33 - 33, 01 ago. 2005.

84.
VASCONCELLOS, G. F.. Cota michê da cultura é o the end brizolões. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 100, p. 39 - 39, 01 jul. 2005.

85.
VASCONCELLOS, G. F.. Jean Wyllys faz desfile de banalidades. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E8 - E8, 18 jun. 2005.

86.
VASCONCELLOS, G. F.. Leonel de Moura Brizola vai fazer história mesmo depois de morto. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 99, p. 41 - 41, 01 jun. 2005.

87.
VASCONCELLOS, G. F.. Obra discute o papel dos intelectuais. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E7 - E7, 21 maio 2005.

88.
VASCONCELLOS, G. F.. A celebridade inconformista. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 7 - 7, 01 maio 2005.

89.
VASCONCELLOS, G. F.. A jangada do sul com três traves atadas entre si: Getúlio, Jango e Brizola. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 98, p. 43 - 43, 01 maio 2005.

90.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro e Leonel Brizola analisados à luz da escola da biomassa. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 97, p. 43 - 43, 01 abr. 2005.

91.
VASCONCELLOS, G. F.. Pecados capitais são tema de série. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 26 mar. 2005.

92.
VASCONCELLOS, G. F.. Impossível é existir civlização brasileira fora do jogo do imperialismo americano. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 96, p. 18 - 18, 01 mar. 2005.

93.
VASCONCELLOS, G. F.. A sociologia do petucanismo ou a gênese da criminalidade acadêmica. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 95, p. 23 - 23, 01 fev. 2005.

94.
VASCONCELLOS, G. F.. Turismo é objeto pós-moderno do desejo. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E7 - E7, 29 jan. 2005.

95.
VASCONCELLOS, G. F.. Biografias de personagem reforçam o mito. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E1 - E1, 08 jan. 2005.

96.
VASCONCELLOS, G. F.. Marxismo, Leninismo, Trotskismo e Vargodarçajangobrizolismo: diversos mas não adversos. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 94, p. 19 - 19, 01 jan. 2005.

97.
VASCONCELLOS, G. F.. Repercussão. Folha de S.Paulo, São Paulo, p. A15 - A15, 29 dez. 2004.

98.
VASCONCELLOS, G. F.. Esporte mata! Ou a crítica do capitalismo estressante. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 93, p. 13 - 13, 01 dez. 2004.

99.
VASCONCELLOS, G. F.. Alexandre Dumas não omite fascínio por imperador francês. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 27 nov. 2004.

100.
VASCONCELLOS, G. F.. "O Mito da Desterritorialização": Autor põe geografia da pós-modernidade em questão. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 13 nov. 2004.

101.
VASCONCELLOS, G. F.. Rogério Sganzerla: Joaçaba, Oropa e Bahia. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 92, p. 19 - 19, 01 nov. 2004.

102.
VASCONCELLOS, G. F.. O solcialismo de Oswald de Andrade e a entropia da vaca louca. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 91, p. 21 - 21, 01 out. 2004.

103.
VASCONCELLOS, G. F.. A esfinge de Vargas e os seus decifradores. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 04 set. 2004.

104.
VASCONCELLOS, G. F.. Viva o artigo nacional: a Vela de Oswald de Andrade e a Vila de Noel Rosa. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 90, p. 23 - 23, 01 set. 2004.

105.
VASCONCELLOS, G. F.. Herança maldita é o território brasileiro perdido. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 89, p. 27 - 27, 01 ago. 2004.

106.
VASCONCELLOS, G. F.. Uma sociologia do entusiasmo. Folha de S.Paulo, São Paulo, p. 15 - 15, 01 ago. 2004.

107.
VASCONCELLOS, G. F.. Jovens eram frutos da "cultura autoritária". Folha de São Paulo, São Paulo, p. E7 - E7, 31 jul. 2004.

108.
VASCONCELLOS, G. F.. Na órbita do privatismo espúrio. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 15 - 15, 25 jul. 2004.

109.
VASCONCELLOS, G. F.. O balé da mais-valia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 7 - 15, 25 jul. 2004.

110.
VASCONCELLOS, G. F.. O viver plugado no sexo celular. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 24 jul. 2004.

111.
VASCONCELLOS, G. F.. "Cultura da Agressividade" :Psicanalista examina acústica da violência. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 17 jul. 2004.

112.
VASCONCELLOS, G. F.. O Richelieu do ratinho e a herança linguística tucana. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 76, p. 17 - 17, 01 jul. 2004.

113.
VASCONCELLOS, G. F.. PSOL com ou sem o sol do novo mundo?. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 88, p. 26 - 26, 01 jul. 2004.

114.
VASCONCELLOS, G. F.. Masoquismo e golpe de Estado circundam João Goulart. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 12 jun. 2004.

115.
VASCONCELLOS, G. F.. "História do Brasil pelo Método Confuso": Obra coloca país em palco tropical de humor e ironia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 05 jun. 2004.

116.
VASCONCELLOS, G. F.. Nonê de Andrade Filho iluminado pelo sol Oswald. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 87, p. 19 - 19, 01 jun. 2004.

117.
VASCONCELLOS, G. F.. O império balança, mas não cai. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 15 - 15, 30 maio 2004.

118.
VASCONCELLOS, G. F.. "O Mundo Alemão de Einstein": Historiador reconstrói esplendor da ciência germânica.. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 17 maio 2004.

119.
VASCONCELLOS, G. F.. O Getúlioswald 54 no Janglauber meia quatro. Revista Caros Amigos, p. 23 - 23, 01 maio 2004.

120.
VASCONCELLOS, G. F.. Gilberto Freyre ensina paciência aos trópicos. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E8 - E8, 17 abr. 2004.

121.
VASCONCELLOS, G. F.. A Utopia Brasileira, Povo e Elite : Antropólogo redefine a identidade da sociedade. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E14 - E14, 10 abr. 2004.

122.
VASCONCELLOS, G. F.. As culturas sem choque de Franz Boas. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 15 - 16, 04 abr. 2004.

123.
VASCONCELLOS, G. F.. O que houve com os nossos ouvidos fordidos pelo bibicalhambeque. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 85, p. 29 - 29, 01 abr. 2004.

124.
VASCONCELLOS, G. F.. Cabeças cortadas e coroadas pelo golpe político de 1964. Revista Caros Amigos, São Paulo, p. 17 - 17, 01 mar. 2004.

125.
VASCONCELLOS, G. F.. Derrida investiga a desconstrução contemporânea. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 21 fev. 2004.

126.
VASCONCELLOS, G. F.. Ideologia do extermínio atualiza antigas dicotomias. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 17 fev. 2004.

127.
VASCONCELLOS, G. F.. Sobre a capacidade de matar. Folha de São Paulo, São Paulo, p. A3 - A3, 14 fev. 2004.

128.
VASCONCELLOS, G. F.. Um milhão de empregos já. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 83, p. 21 - 21, 01 fev. 2004.

129.
VASCONCELLOS, G. F.. Sganzerla era um brasileiro que amava o cinema. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 26 jan. 2004.

130.
VASCONCELLOS, G. F.. Immanuel Wallerstein redefine a cidadania em tempos neoliberais. Folha de São Paulo, p. E5 - E5, 17 jan. 2004.

131.
VASCONCELLOS, G. F.. Freyre no exterior evoca a pátria em inglês. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E9 - E9, 03 jan. 2004.

132.
VASCONCELLOS, G. F.. Transgênico: rango envenenado, genocídio programado do povo brasileiro pelo imperialismo de olho no sol, na água e na fotossíntese dos trópicos. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 82, p. 15 - 15, 01 jan. 2004.

133.
VASCONCELLOS, G. F.. O sequestro acadêmico do estilo. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 14 - 14, 14 dez. 2003.

134.
VASCONCELLOS, G. F.. PT e PSDB: tudo a ver (a crítica da exceção). Folha de São Paulo, São Paulo, p. A13 - A13, 07 dez. 2003.

135.
VASCONCELLOS, G. F.. A história é escrita pelos vencedores. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 81, p. 19 - 19, 01 dez. 2003.

136.
VASCONCELLOS, G. F.. Estilo humilde provoca inversão do escritor em pintor. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 26 nov. 2003.

137.
VASCONCELLOS, G. F.. Origem brasileira participa de desvio do escritor. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 01 nov. 2003.

138.
VASCONCELLOS, G. F.. Pier Paolo Pasolini e nosotros. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 80, p. 23 - 23, 01 nov. 2003.

139.
VASCONCELLOS, G. F.. A ideologia que lava mais branco. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 14 - 14, 05 out. 2003.

140.
VASCONCELLOS, G. F.. O darça do Jango não é a dirça do Lula ou vice-versa. Revista Caros Amigos, p. 43 - 43, 01 out. 2003.

141.
VASCONCELLOS, G. F.. Nildo Ouriques, o reitor necessário em Santa Catarina. Revista Caros Amigos, p. 43 - 43, 01 set. 2003.

142.
VASCONCELLOS, G. F.. A fabulação etnológica da Bahia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 14 - 14, 10 ago. 2003.

143.
VASCONCELLOS, G. F.. Este mangue imperialista Oswald de Andrade viu e anteviu no rei da vela. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 77, p. 21 - 21, 01 ago. 2003.

144.
VASCONCELLOS, G. F.. Sociólogo vê perspectivas. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 28 jun. 2003.

145.
VASCONCELLOS, G. F.. A plantation e o quilombo. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 15 - 15, 15 jun. 2003.

146.
VASCONCELLOS, G. F.. Revista revela preocupação estética. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 14 jun. 2003.

147.
VASCONCELLOS, G. F.. A ciência do bem. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 13 - 13, 11 jun. 2003.

148.
VASCONCELLOS, G. F.. Medo do imperialismo financeiro: o vacilo do governo Lula. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 75, p. 19 - 19, 01 jun. 2003.

149.
VASCONCELLOS, G. F.. Enfoque paulista ronda reflexão marxista da cultura. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 13 maio 2003.

150.
VASCONCELLOS, G. F.. A urubuzada anglo-saxônica em cima do butim. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 74, p. 17 - 17, 01 maio 2003.

151.
VASCONCELLOS, G. F.. A antropologia do consumo baiano. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 05 abr. 2003.

152.
VASCONCELLOS, G. F.. As revoluções da máquina de costura. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 3 - 3, 30 mar. 2003.

153.
VASCONCELLOS, G. F.. Relatos de um jornalista viajante. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 13 mar. 2003.

154.
VASCONCELLOS, G. F.. Filósofo aponta para EUA socialista. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 08 mar. 2003.

155.
VASCONCELLOS, G. F.. Fotos expõem a intimidade do folclorista brasileiro. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 17 fev. 2003.

156.
VASCONCELLOS, G. F.. O jeitinho de falar do homem brasileiro. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 28 jan. 2003.

157.
VASCONCELLOS, G. F.. Julia Kristeva contrói ensaio sobre o gênio feminino. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 07 jan. 2003.

158.
VASCONCELLOS, G. F.. Nos tempos em que o rádio fazia a cabeça do brasileiro. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 30 dez. 2002.

159.
VASCONCELLOS, G. F.. Marxismo indiano ataca o pós- modernismo. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E8 - E8, 14 dez. 2002.

160.
VASCONCELLOS, G. F.. Síndrome do olho gordo e do mal olhado. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 10 - 10, 08 dez. 2002.

161.
VASCONCELLOS, G. F.. Paris, Lisboa e Miami dos trópicos. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 15 - 15, 10 nov. 2002.

162.
VASCONCELLOS, G. F.. A mudança da matriz energética da sociedade brasileira e a perspectiva de Luiz Inácio Lula fazer o seu sucessor em 2006. Caros Amigos, São Paulo, , v. 68, p. 17 - 17, 01 nov. 2002.

163.
VASCONCELLOS, G. F.. Obra desseca comida ligeira pós-modernismo via fetichismo. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 26 out. 2002.

164.
VASCONCELLOS, G. F.. Historiadora traça retrato pisicológico de Carlos Lacerda. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 19 out. 2002.

165.
VASCONCELLOS, G. F.. Ecologia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 10 - 10, 13 out. 2002.

166.
VASCONCELLOS, G. F.. Em se fraudando tudo dá: Deus protege a ABIN e o ministro Nelson Jobim. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 67, p. 23 - 23, 01 out. 2002.

167.
VASCONCELLOS, G. F.. Historiador decifra plantas amorosas e alucinógenas. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 30 set. 2002.

168.
VASCONCELLOS, G. F.. Segredo a quatro chaves. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 15 - 15, 01 set. 2002.

169.
VASCONCELLOS, G. F.. A deusa limpesa na paulicélia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 18 - 18, 11 ago. 2002.

170.
VASCONCELLOS, G. F.. O belo trágico existente na psicanálise. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E9 - E9, 10 ago. 2002.

171.
VASCONCELLOS, G. F.. A suave e amorosa revolução dos trópicos ou país sem saci-pereré não dá pé. Caros Amigos, São Paulo, , v. 65, p. 21 - 21, 01 ago. 2002.

172.
VASCONCELLOS, G. F.. Sociólogo revê processo eleitoral. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 27 jul. 2002.

173.
VASCONCELLOS, G. F.. O sequestro da energia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 18 - 18, 14 jul. 2002.

174.
VASCONCELLOS, G. F.. Tiques e cacoetes da historiografia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 16 - 16, 09 jun. 2002.

175.
VASCONCELLOS, G. F.. Obra tematiza a teoria da tradução de Benjamin. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 08 jun. 2002.

176.
VASCONCELLOS, G. F.. O brinquedo e a tradução da mercadoria. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 08 jun. 2002.

177.
VASCONCELLOS, G. F.. Dossiê versus dossiê: a política já era com dialética de delegacia. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 63, p. 43 - 43, 01 jun. 2002.

178.
VASCONCELLOS, G. F.. O jornal apito em Alfenas, MG, anuncia que Patrícia Pillar é a musa da Biomassa. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 64, p. 40 - 40, 01 jun. 2002.

179.
VASCONCELLOS, G. F.. O edipo sem edipo de Oswald de Andrade. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 62, p. 31 - 31, 01 maio 2002.

180.
VASCONCELLOS, G. F.. ?Olhar americano esquadrinha o ?inimigo nº 1? de Getúlio Vargas?. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E6 - E6, 23 mar. 2002.

181.
VASCONCELLOS, G. F.. Dinheiro parindo dinheiro. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 18 - 18, 10 mar. 2002.

182.
VASCONCELLOS, G. F.. ?Löwy descreve a trajetória indivisível de Karl Marx?. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 07 mar. 2002.

183.
VASCONCELLOS, G. F.. Mister Dengue Joseph Serra é o FHC terceiro. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 60, p. 20 - 20, 01 mar. 2002.

184.
VASCONCELLOS, G. F.. A sedução de um intelectual fracassado. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 23 fev. 2002.

185.
VASCONCELLOS, G. F.. Sílvio Romero é o notável pensador militante da cultura brasileira. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 16 fev. 2002.

186.
VASCONCELLOS, G. F.. Obra é versão brasilianista do homem que levou o riso ao poder. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E5 - E5, 02 fev. 2002.

187.
VASCONCELLOS, G. F.. É preciso mudar o paradigma civilizatório. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 07 jan. 2002.

188.
VASCONCELLOS, G. F.. Crítico procura imagens da maioria nas telas do país. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E3 - E3, 31 dez. 2001.

189.
VASCONCELLOS, G. F.. Ideologia ou mistificação. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 18 - 18, 30 dez. 2001.

190.
VASCONCELLOS, G. F.. Didática nacional e popular de um crítico de música. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 22 dez. 2001.

191.
VASCONCELLOS, G. F.. Folclore, Kinema, Nacionalismo e Pós- Picaretagem. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 57, p. 19 - 19, 01 dez. 2001.

192.
VASCONCELLOS, G. F.. Intelectual à antiga está avacalhado. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 10 nov. 2001.

193.
VASCONCELLOS, G. F.. A Guerra do Afeganistão é o Plano Real do Bush. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 56, p. 37 - 37, 01 nov. 2001.

194.
VASCONCELLOS, G. F.. Bricolagem esotérica. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 20 - 20, 23 set. 2001.

195.
VASCONCELLOS, G. F.. Florilégio de golpes e contragolpes. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 13 set. 2001.

196.
VASCONCELLOS, G. F.. Do lusco-fusco reformista ao clarão da América Revolucionária. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 54, p. 21 - 21, 01 set. 2001.

197.
VASCONCELLOS, G. F.. O professor xangô baixa de novo por aqui. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 11 ago. 2001.

198.
VASCONCELLOS, G. F.. Pátria Descartável e Câncer Made in Usa. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 53, p. 17 - 17, 01 ago. 2001.

199.
VASCONCELLOS, G. F.. A razão da acústica. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 15 jul. 2001.

200.
VASCONCELLOS, G. F.. Psiquiatra ousa ao estabelecer dialética do regional. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 12 jul. 2001.

201.
VASCONCELLOS, G. F.. Clássicos do Brasil revisitados sob o crivo de hoje. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 09 jul. 2001.

202.
VASCONCELLOS, G. F.. Há um paradoxo do cidadão colonizado. Folha de são Paulo, São Paulo, p. E4 - e4, 09 jun. 2001.

203.
VASCONCELLOS, G. F.. As Luzes Tucanas ou Pequenas e Grandes Safadezas da Sociologia. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 52, p. 30 - 30, 01 jun. 2001.

204.
VASCONCELLOS, G. F.. A comida contaminada de cada dia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E4 - E4, 31 maio 2001.

205.
VASCONCELLOS, G. F.. A civilização dos hidratos de carbono. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 11 - 11, 27 maio 2001.

206.
VASCONCELLOS, G. F.. De olho nos tropos libertários dos trópicos. Folha de São Paulo, São Paulo, p. E2 - E2, 09 maio 2001.

207.
VASCONCELLOS, G. F.. Dos Marxismos Tropicais ou Saudades do Carvão Mineral. Revista Caros Amigos, São Paulo, , v. 50, p. 38 - 38, 01 maio 2001.

208.
VASCONCELLOS, G. F.. O filósofo do povo brasileiro. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 22 - 23, 18 mar. 2001.

209.
VASCONCELLOS, G. F.. O inconsciente negro brasileiro. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 22 - 22, 20 fev. 2001.

210.
VASCONCELLOS, G. F.. Arte de curar, ciência de viver. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 23 - 23, 18 fev. 2001.

211.
VASCONCELLOS, G. F.. Xenofobia. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 25 - 25, 31 dez. 2000.

212.
VASCONCELLOS, G. F.. Villa Lobos não separou o erudito do popular. Folha de São Paulo, São Paulo, p. 4 - 7, 25 ago. 1999.

213.
VASCONCELLOS, G. F.. O The End Era Vargas e as Hurnas Heletrônicas. Revista Caros Amigos, São Paulo.

214.
VASCONCELLOS, G. F.. O kerenski do PSDB em 2006 ou Lula oito anos na pedra. Revista Caros Amigos, p. 15 - 15.

215.
VASCONCELLOS, G. F.. No Brasil MICHÊ, a sobremesa é tirada dos aposentados: HELPIGIU! HELPIGIU! HELPIGIU!. Revista Caros Amigos, p. 37.

216.
VASCONCELLOS, G. F.. A esperança venceu o medo, mas é necessário eliminar a fome com a produção conjugada de comida e energia. Caros Amigos, São Paulo.

217.
VASCONCELLOS, G. F.. Paraíso na província ou cidadania regionalmente igualitária. Caros Amigos, São Paulo.

218.
VASCONCELLOS, G. F.. A vanguarda do governo Lula é o Itamaraty de Celso Amorim e Samuel Pinheiro Guimarães. Caros Amigos, São Paulo.

219.
VASCONCELLOS, G. F.. A estética araponga e o tapetão eletrônico. Caros Amigos, São Paulo.

220.
VASCONCELLOS, G. F.. O sal salário do medo. Revista Sem Numero.

221.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro e a massa marginalizada. Discursos sediciosos: crime, direito e sociedade, Rio de Janeiro, p. 113 - 118.

222.
VASCONCELLOS, G. F.. O Brasil pusilânime diante da guerra das Malvinas. Política: para la independencia y la unidad de américa latina, Argentina, , v. 12.

223.
VASCONCELLOS, G. F.. Leon Trotsky e a Ciências Sociais. LIBERTAS, UFJF.

Artigos aceitos para publicação
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Memorial - Gilberto Felisberto Vasconcellos. Cronos (Natal. Impresso), 2017.

Apresentações de Trabalho
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Marxismo e Revolução. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
VASCONCELLOS, G. F.. Socialismo Limpo capitalismo sujeira. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
VASCONCELLOS, G. F.. Oswald de Andrade, o inimigo da piada. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
VASCONCELLOS, G. F.. ORIGEM E DESENVOLVIMENTO DA TEORIA MARXISTA DA DEPENDÊNCIA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
VASCONCELLOS, G. F.. Brasil en la Pluma de Jorge Abelardo Ramos. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
VASCONCELLOS, G. F.. Glauber Rocha e a estética da fome. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
VASCONCELLOS, G. F.. Biomassa Y Pátria Grande: Las energías renovables y el desarrollo y la unidad de América Latina. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
VASCONCELLOS, G. F.. Ideologia curupira: 30 anos depois. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
VASCONCELLOS, G. F.. Vídeos: 'Darcy Ribeiro e as várias peles de um só corpo'; 'Oi otário'; 'Antônio Guedes: O vento da liberdade'.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

10.
VASCONCELLOS, G. F.. Identidade e Simbolismo. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
VASCONCELLOS, G. F.. A era Vargas em questão 1954-2004. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
VASCONCELLOS, G. F.. A imaginação teórica contra o falseamento ideológico. Florianópolis-SC, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

2.
SILVA, Ludovico. ; VASCONCELLOS, G. F. . A Mais-Valia Ideológica. Florianópolis, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

3.
Leandro Pereira Gonçalves ; Renata Duarte Simões ; VASCONCELLOS, G. F. . Entre tipos e recortes: histórias da imprensa integralista. Guaíba, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

4.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro: As várias peles de um só corpo. Rio de Janeiro: Academia Brasileira de Letras, 2010 (artigo).

5.
VASCONCELLOS, G. F.. Ludovico Silva: A poesia no Marxismo e o marxismo na poesia. Santa Catarina: IELA Instituto de Estudos Latino-Americanos (UFSC), 2010 (artigo).

6.
VASCONCELLOS, G. F.. O país do alimento. Rio de Janeiro: Academia Brasileira de Letras, 2008 (artigo).

7.
VASCONCELLOS, G. F.; VIDAL, J. B. . Marxismo e Biomassa 2005 (artigo).

8.
VASCONCELLOS, G. F.. Rogério Sganzerla: Joaçaba, Europa e Bahia. Torino, 2005. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

9.
VASCONCELLOS, G. F.. O Significado Revolucionario da escola da biomassa na cultura brasileira 2004 (artigo).

10.
VASCONCELLOS, G. F.. Matriz energética brasileira. Da crise a grande esperança, 2004. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

11.
VASCONCELLOS, G. F.. Esporte Mata. São Paulo, 2004. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

12.
VASCONCELLOS, G. F.; MISKOLCI, R. . Origem brasileira participa de desvio do escritor 2003 (Resenha).

13.
VASCONCELLOS, G. F.. A cidadania do perdão com luis inacio da silva lula 2003 (artigo).

14.
VASCONCELLOS, G. F.. Memórias das Trevas: Uma Devassa na Vida de Antônio Carlos Magalhães, 2001. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

15.
VASCONCELLOS, G. F.. "Fazeremos" Filosofia. São Paulo: Folha de S. Paulo, 1979 (artigo).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Marketing político e opinião pública. 1997.

Trabalhos técnicos
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
VASCONCELLOS, G. F.. La historia en debate. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Autodesenvolvimento: Microdestilarias de Álcool em Minas Gerais. 2014. (Relatório de pesquisa).


Produção artística/cultural
Artes Visuais
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Socialismo Limpo, Capitalismo Sujeira. 2018. Filme.

2.
FAULHABER, A. R. ; VASCONCELLOS, G. F. . Liberdade: o Brasil construído para si mesmo.. 2012. Filme.

3.
VASCONCELLOS, G. F.. Diálogos Kivideobiopsicomassafolk. 2011. Filme.

4.
Domith. L. de Souza ; VASCONCELLOS, G. F. . Veredas Santeiro.. 2011. Filme.

5.
VASCONCELLOS, G. F.. Luís da Câmara Cascudo: eterno e autônomo como a nuvem. 2010. Filme.

6.
VASCONCELLOS, G. F.. José Sette: Sétima Arte. 2010. Filme.

7.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro: um só corpo varias peles. 2010. Filme.

8.
VASCONCELLOS, G. F.. A permanência dos Cieps. 2010. Filme.

9.
VASCONCELLOS, G. F.. Kynocharuto. 2010. Filme.

10.
VASCONCELLOS, G. F.. Oi, Otário. 2009. Filme.

11.
VASCONCELLOS, G. F.. O Dólar Contra o Sol Na Terra do Etanol. 2009. Filme.

12.
VASCONCELLOS, G. F.. Macdonodetudo. 2009. Filme.

13.
VASCONCELLOS, G. F.. Golpe de Estado. 2009. Filme.

14.
VASCONCELLOS, G. F.. Capitalismovideofinanceiro. 2009. Filme.

15.
VASCONCELLOS, G. F.. Radiokivideobiopsicomassafolk. 2008. Filme.

16.
VASCONCELLOS, G. F.. Esporte Mata. 2005. Filme.

17.
VASCONCELLOS, G. F.. Darcy Ribeiro e a Criminalidade Acadêmica. 2005. Filme.

Outras produções artísticas/culturais
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Glauber Rocha e a estética da fome. 2011.

2.
LIMA, L. C. ; VASCONCELLOS, G. F. . Diálogos Impertinentes - A Brasilidade. 2009.

3.
VASCONCELLOS, G. F.. O Folclore Em Questão: Câmara Cascudo. 2006 (Curso).

4.
VASCONCELLOS, G. F.. Intérpretes do Brasil no Século XXI - O folclore em questão: Câmara Cascudo.. 2005.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
MAGRONE, E.; VASCONCELLOS, G. F.; CALDAS, W.. Participação em banca de Guilherme Gravina Pereira. As contradições entre a comunicação de massa e a educação na sociedade brasileira contemporânea. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Educação da UFJF) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

2.
BERKENBROCK, V. J.; BRANDAO, C. R.; VASCONCELLOS, G. F.. Participação em banca de Ana Luisa Morais Barbosa. Deus explicado e Deus diminuído - da superstição à teologia popular: um estudo da religião no povo em Luís da Câmara Cascudo. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência da Religião) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

3.
Maluf. Ued; VASCONCELLOS, G. F.. Participação em banca de Leandro de Souza Domith. Santeiro e suas veredas. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciências da Arte) - Universidade Federal Fluminense.

4.
VASCONCELLOS, G. F.. Participação em banca de Sérgio Estephan. O Violão Instrumental Brasileiro: 1884-1924. 1999 - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
VASCONCELLOS, G. F.. Participação em banca de Éder da Silveira. Tupi or not tupi: nação e nacionalidade em José de Alencar e Oswald de Andrade. 2007. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

2.
VASCONCELLOS, G. F.; BERARDINELLI, M. S.; PEREIRA, L. R.; CARDOSO, M. R.; SANTOS, R. C.. Participação em banca de Camila do Valle Fernandes. Uma literatura de semicolônia?Acerca do Portugal dos ingleses e da Inglaterra de Eça de Queirós. 2004. Tese (Doutorado em Letras) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

3.
VASCONCELLOS, G. F.. Participação em banca de Celeste Maria Pacheco. Bahia, Cidade-Síntese da Nação Brasileira: Uma leitura em jorge Amado. 1999 - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Jornadas Bolivarianas.Oswald de Andrade, o inimigo da piada. 2015. (Simpósio).

2.
60 anos do dicionário do folclore brasileiro. Dicionário do Folclore Brasileiro. 2014. (Congresso).

3.
Golpe de 64, o Estilhaço da Nação.Golpe de 64, o Estilhaço da Nação. 2014. (Seminário).

4.
Golpe de 64, o Estilhaço da Nação.A balcanização da Pátria Grande. 2014. (Encontro).

5.
Brizola Inesquecível.Brizola, o caudilho revolucionário. 2013. (Encontro).

6.
Congreso Iberoamericano de Revisionismo Histórico. Brasil e a Pátria Grande. 2013. (Congresso).

7.
Trabalhismo e a Pátria Grande.Trabalhismo e a Pátria Grande. 2013. (Seminário).

8.
Ecotrabalhismo.Ecotrabalhismo e o colapso da energia fóssil. 2012. (Seminário).

9.
Painéis - Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB RJ).Terra: um planeta ecologicamente ameaçado.. 2012. (Outra).

10.
O Olho do Tempo.Seminário 50 anos da Campanha da Legalidade. 2011. (Seminário).

11.
VII Festival Internacional de Cinema e Audiovisual.Glauber Rocha e a estética da fome. 2011. (Seminário).

12.
XIII Semana de Ciências Sociais - ?As Ciências Sociais no Brasil Contemporâneo".O Pensamento Social Brasileiro que Não Conhecemos. 2011. (Outra).

13.
XIX Semana de Filosofia - O múltiplo das questões.O Cinema concebido como reflexão sobre a realidade no terceiro mundo e seu devir histórico. 2011. (Outra).

14.
IV Encontro Nacional dos Pesquisadores do Integralismo/ III Simpósio do laboratório de História Política e Social.Ideologia Curupira: 30 anos depois. 2010. (Simpósio).

15.
XII Semana de Ciências Sociais."Darcy Ribeiro: várias peles um só corpo", "Oi Otário", "Guedes: o vento da liberdade.". 2010. (Outra).

16.
Primeiro Encontro Nacional da Rede Brasileira de Estudos Latino-Americanos. América Latina, Teoria da Dependência, Literatura. 2009. (Congresso).

17.
IV seminário internacional de cinema e audiovisual.A Estética da Fome e a Estética do Sonho. 2008. (Seminário).

18.
V SEMANA DE TURISMO: TURISMO E CULTURA.IDENTIDADE E SIMBOLISMO. 2006. (Simpósio).

19.
II Congresso Mineiro de História da Medicina. Silva Mello: Medicina e crítica da cultura. 2005. (Congresso).

20.
II CONGRESSO MINEIRO DE HISTÓRIA DA MEDICINA. SILVA MELLO: MEDICINA E CRITICA DA CULTURA. 2005. (Congresso).

21.
III Ciclo de estudos sobre o Brasil.Getúlio Vargas e o populismo. 2005. (Encontro).

22.
III CICLO DE ESTUDOS SOBRE O BRASIL.Getúlio Vargas e a atualidade. 2005. (Seminário).

23.
Diálogos impertinentes.Brasilidade. 2003. (Outra).

24.
Paradigmas do século XXI. Balanço do século XX. 2003. (Congresso).

25.
Ciclo de Modernismo-80 anos.Interpretações do Modernismo. 2002. (Simpósio).

26.
Lançamento do livro.Os sonhos, pespectivas científicas e culturais. 2000. (Outra).

27.
Realidade Brasileira.Cultura Popular. 1999. (Encontro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Guilherme Gravina Pereira. A definir. Início: 2014. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. (Coorientador).

Tese de doutorado
1.
Henrique Almeida de Queiroz. A definir. Início: 2010. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

2.
Mariana Pereira Chaves Pimentel. A definir. Início: 2010. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Cincias Sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Ana Luísa Morais Barbosa. A definir. Início: 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Artes Visuais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Guilherme Gravina Pereira. As contradições entre a comunicação de massa e a educação na sociedade brasileira contemporânea. 2016. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

2.
Virgínia Rodrigues Strack. A Arte de Artesão e a Arte de Estrela - O Novo Papel Social do Músico na Sociedade do Espetáculo. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Coorientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Mariana Araújo. Turismo e Folcore: Um estudo do caso de Congado do Ipaneminha no municipio de Ipatinga-MG. 2004. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Turismo) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Bruno Rocha Abadias. O Cinema de Glauber Rocha: Estética e Sociedade. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

2.
Danillo Marchesano Ramos Alves. Emancipação e Educação. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

3.
Amanda Romero Faulhaber. Indústria Cultural, Imperialismo Hollywodiano e comportamento feminino. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

4.
Yago Euzébio Bueno de Paiva Junho. Civilização dos Trópicos: Energia, Tecnologia e Poder. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ciencias sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

Iniciação científica
1.
Bruno Rocha Abadias. Silva Mello e a crítica da medicina descolonizada dos trópicos. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

2.
Guilherme Gravina Pereira. Silva Mello e a critica da medicina descolonizada dos trópicos. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

3.
Ana Carolina de Almeida Lacerda. A Tipologia Etnonacional De Darcy Ribeiro Sobre Os Países Latinoamericanos. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em ciencias sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

4.
Guilherme Gravina Pereira. A Tipologia Etnonacional De Darcy Ribeiro Sobre Os Países Latinoamericanos. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

5.
Gisele Lopes dos Reis. Silva Mello: Crítica da Cultura e da Medicina. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em letras) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

6.
Thaise Justen Ribeiro. Silva Mello: Crítica da Cultura e da Medicina. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em letras) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

7.
Juliana Gomes Fontes. Silva Mello: Crítica da Cultura e da Medicina. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em ciencias sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

8.
Victor Hugo de Castro Dutra. Silva Mello: Crítica da Cultura e da Medicina. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

9.
Fernanda Mendes de Almeida. O Autodesenvolvimento Pela Via Da Biomassa: Energia, Tecnologia E Soberania Nacional - Desafio Dos Tropicos No Seculo XXI. 2005. Iniciação Científica. (Graduando em turismo) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

10.
Mariana Santarosa Braz. O Autodesenvolvimento Pela Via Da Biomassa: Energia, Tecnologia E Soberania Nacional - Desafio Dos Tropicos No Seculo XXI. 2005. Iniciação Científica. (Graduando em turismo) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

11.
Sônia Marques de Barros Herbert. O educador Darcy Ribeiro na perspectiva do humanismo como corrente filosófica. 2003. Iniciação Científica - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

12.
Yago Euzébio Bueno de Paiva Junho. Silva Mello ou a Medicina Descolonizada. 2002. Iniciação Científica. (Graduando em ciencias sociais) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

13.
Leandro de Souza Domith. Silva Mello ou a Medicina descolonizada. 2000. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.

14.
Celma Aparecida Lourenço e Sirley Bastos Lopes. Biografia e regionalidade: Minas e Glauber Rocha. 1999. Iniciação Científica - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Gilberto Felisberto Vasconcellos.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
VASCONCELLOS, G. F.2015VASCONCELLOS, G. F.. Autodesenvolvimento: Microdestilarias à álcool em Minas Gerais. REBELA - Revista Brasileira de Estudos Latino-Americanos, v. 5, p. online, 2015.


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
VASCONCELLOS, G. F.. La historia en debate. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


Crítico de cinema, de televisão e cronista literário.

Colaborador do Núcleo Câmara Cascudo.

A obra produzida "Verdades Quase Desconhecidas" obteve apoio financeiro da FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE MINAS GERAIS (FAPEMIG).



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/01/2019 às 14:14:15