Maraliz de Castro Vieira Christo

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8451564561556865
  • Última atualização do currículo em 11/11/2018


possui Licenciatura em História pela Universidade Federal de Juiz de Fora (1979), mestrado em História pela Universidade Federal Fluminense (1987) e doutorado em História pela Universidade Estadual de Campinas (2005). Foi bolsista da Foundation Getty junto ao Institut National d Histoire de l Art de Paris (2003-2004). Recebeu o Grande Prêmio Capes de Tese Florestan Fernandes em 2006 (concedido à melhor tese defendida em 2005 no conjunto das grandes áreas de Ciências Humanas, Ciências Sociais Aplicadas e Lingüística, Letras e Artes). Fez estágio pós-doutoral na Universitat Jaume I de Castelló, Espanha, e na Escuela Nacional de Antropología e Historia-INAH, México (2009). Atualmente é professor Associado da Universidade Federal de Juiz de Fora. Tem experiência na área de História, com ênfase em História da arte, atuando principalmente nos seguintes temas: História da arte no Brasil e História da arte no século XIX. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Maraliz de Castro Vieira Christo
Nome em citações bibliográficas
CHRISTO, M. C. V.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Juiz de Fora, ICHL.
Rua José Lourenço Kelmer
São Pedro
36036330 - Juiz de Fora, MG - Brasil
URL da Homepage: http:www.ufjf.br


Formação acadêmica/titulação


2001 - 2005
Doutorado em História.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Título: Pintura, historia e herois no seculo XIX : Pedro Americo e "Tiradentes Esquartejado", Ano de obtenção: 2005.
Orientador: Jorge Sidney Coli Júnior.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Pedro Americo; História da Arte no Brasil; Museu Mariano Procopio/Mg; Tiradentes.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Artes Plásticas.
Setores de atividade: Educação Superior.
1981 - 1987
Mestrado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: A Europa dos Pobres,Ano de Obtenção: 1988.
Orientador: Victor Vicent Valla.
Palavras-chave: História de Juiz de Fora; História de Minas Gerais; Academia Mineira de Letras; Historia do Ensino No Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Setores de atividade: Educação Superior.
1976 - 1979
Graduação em Licenciatura Em História.
Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Brasil.


Pós-doutorado


2009 - 2009
Pós-Doutorado.
Universitat Jaume I, UJI, Espanha.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
2009 - 2009
Pós-Doutorado.
Escuela Nacional de Antropologia e Historia Periferico Sur Y Zapote, ENAHPZ, México.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Atuação Profissional



Universitat de Jaume I, UJI, Espanha.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Estátio Pós-doutoral, Enquadramento Funcional: Nenhum


Escuela Nacional de Antropologia e Historia Periferico Sur Y Zapote, ENAHPZ, México.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Estágio pós-doutoral, Enquadramento Funcional: Nenhum


Universidade Federal de Juiz de Fora, UFJF, Brasil.
Vínculo institucional

1982 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Prof. Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2010 - Atual
Ensino, Mestrado em História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminários de Pesquisa em Laboratório (cód. 3010015) DOUTORADO
TÓPICO ESPECIAL EM NARRATIVA, IMAGENS E SOCIABILIDADES IV
Tópico Especial em Narrativas, Imagens e Sociabilidades II.
03/2010 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Patrimônio Histórico II
Tópicos de História da Arte e da Cultura
01/2006 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programa de pós-graduação em História - ICHL - UFJF, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Programa de Pós-Graduação em História..
11/2005 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Programa de pós-graduação em História - ICHL - UFJF, .

01/2003 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Programa de pós-graduação em História - ICHL - UFJF, .

08/2007 - 12/2008
Ensino, Licenciatura Em História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos de História da Arte e da Cultura I
08/2006 - 12/2008
Direção e administração, Programa de pós-graduação em História - ICHL - UFJF, .

Cargo ou função
Coordenador de Programa.
03/2005 - 12/2008
Ensino, Bacharelado Em História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Patrimônio Histórico II
03/2007 - 06/2007
Ensino, Licenciatura Em História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos em História da Arte e da Cultura III
08/2006 - 12/2006
Ensino, Mestrado em História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópico Especial em "Narrativas, Imagens e Sociabilidades" III
05/2006 - 12/2006
Conselhos, Comissões e Consultoria, Museu de Arte Moderna Murilo Mendes - UFJF, .

Cargo ou função
Membro do Conselho Consultivo.
03/2005 - 07/2006
Ensino, Arquitetura e Urbanismo, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da Arte e Estética I
08/1995 - 12/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, LOCUS: REVISTA DE HISTÓRIA, .

Cargo ou função
Membro do Conselho Editorial da LOCUS: Revista de História.
03/2000 - 12/2000
Ensino, Fundamentos em prática interdisciplinar, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Tópicos especiais em ensino de História.
01/1999 - 12/2000
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Estudos Murilo Mendes, .

Cargo ou função
· Membro do Conselho Consultivo do Centro de Estudos Murilo Mendes da UFJF.
08/1982 - 12/2000
Ensino, Licenciatura Em História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Disciplinas diversas nas áreas de : Pré-História, História do Brasil, História de Minas Gerais, Metodologia da pesquisa histórica e História da Arte.
10/2000 - 10/2000
Extensão universitária , Instituto de Ciências Humanas e de Letras - UFJF, .

Atividade de extensão realizada
· Docente do curso: As vanguardas históricas e o cinema, durante a II Semana do professor, promovida pela Universidade Federal de Juiz de Fora, no período de 18 a 20 de outubro de 2000..
07/2000 - 07/2000
Ensino, Hist. do Brasil Contemp.: Hist, social e da cult., Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
História da Cultura III
01/2000 - 01/2000
Ensino, Hist. do Brasil Contemp.: Hist, social e da cult., Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
História da Cultura II
10/1999 - 10/1999
Extensão universitária , Instituto de Ciências Humanas e de Letras - UFJF, .

Atividade de extensão realizada
· Docente do curso: A pintura brasileira no séc. XIX, durante a I Semana do professor, promovida pela Universidade Federal de Juiz de Fora, no período de 13 a 15 de outubro de 1999.
07/1999 - 07/1999
Ensino, Hist. do Brasil Contemp.: Hist, social e da cult., Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
História da Cultura I
01/1996 - 12/1998
Direção e administração, Núcleo de História Regional - ICHL - UFJF, .

Cargo ou função
Coordenadora do Núcleo de História Regional da UFJF.
07/1998 - 07/1998
Ensino, História do Brasil: História de Minas Gerais, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
História da Arte e da Cultura na Zona da Mata
07/1996 - 07/1996
Ensino, História do Brasil: História Regional (ZM-MG), Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
História da Arte e da Cultura na Zona da Mata
11/1994 - 11/1994
Extensão universitária , Núcleo de História Regional - ICHL - UFJF, .

Atividade de extensão realizada
· Coordenadora do Curso de Extensão: História Regional; Juiz de Fora e Zona da Mata Mineira. Promovido pelo Núcleo de História Regional, do Departamento de História, da UFJF, no período de 7 a 11 de novembro de 1994..
03/1993 - 12/1993
Ensino, Organização de Arquivos, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Metodologia do Ensino Superior
01/1993 - 12/1993
Direção e administração, Departamento de História - ICHL -UFJF, .

Cargo ou função
Coordenadora do Curso de Especialização em Organização de Arquivos.
08/1991 - 12/1993
Extensão universitária , Núcleo de Teoria e Prática da Escola Básica da Faculdade de Educação - UFJF, .

Atividade de extensão realizada
· Membro da equipe de ensino de História no "Programa de integração dos graus de ensino - Projeto de atualização de professores de História para o ensino de 1 grau (5ª a 8ª séries), coordenado pelo Núcleo de Teoria e Prática da Escola Básica (NEB).
06/1993 - 06/1993
Ensino, História Moderna e Contemporânea, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
História da Arte
01/1991 - 12/1992
Direção e administração, Departamento de História - ICHL -UFJF, .

Cargo ou função
Vice-Chefe do Departamento de História.
01/1990 - 12/1990
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho Editorial - ICHL - UFJF, .

Cargo ou função
Membro do Conselho Editorial do ICHL.
01/1989 - 12/1989
Direção e administração, Instituto de Ciências Humanas e de Letras - UFJF, .

Cargo ou função
CHEFIA DO DEPARTAMENTO DE HISTORIA - ICHL - UFJF.
01/1988 - 12/1988
Direção e administração, Departamento de História - ICHL -UFJF, .

Cargo ou função
Vice-chefe do Departamento de História.

Institut National d'Histoire de l'Art (Paris), INHA, França.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: Bolsa de pesquisa (Paul Getty), Enquadramento Funcional: Bolsista

Atividades

10/2003 - 10/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programme Histoire du Goût - INHA, .

Cargo ou função
Membro do programa.


Linhas de pesquisa


1.
Narrativas, Imagens e Sociabilidades
2.
História, Iconografia e Arte - Grupo de Pesquisa inscrito no CNPq, liderado pelo Prof. Dr. Jorge Coli (UNICAMP)


Projetos de pesquisa


2010 - 2011
Luis Montero, Los Funerales de Atahualpa.
Descrição: Projeto de pesquisa sobre a produção, circulação e recepção do quadro "Los funerales de Atahualpa", do peruano Luis Montero, executado entre 1865-1867, em Florença, e exposto entre 1867-1869 no Rio de Janeiro, Montevidéu, Buenos Aires e Lima. O projeto é coordenado pela profa. Dra. Natalia Majluf, diretora do Museo de Arte de Lima, tendo como pesquisadores Silvestra Bietoletti (Università degli Studi di Firenze, Itália), Roberto Amigo Cerisola (Universidad de Buenos Aires, Argentina) e Maraliz Christo (Universidade Federal de Juiz de Fora, Brasil). Objetiva a publicação, em 2011, de catálogo sobre uma das mais significativas obras de pintura histórica da América Latina do séc. XIX..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2012
A pintura histórica na América Latina e no Brasil: indigenismo e indianismo.
Descrição: Com base no levantamento iconográfico realizado na pesquisa de pós-doutoramento, o projeto visa estudar de forma comparativa as representações produzidas pelo gênero da pintura histórica sobre a questão indígena na América Latina no séc. XIX..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Coordenador / Patricia Herrera Styles - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 19 / Número de orientações: 1
2009 - 2010
Pintura de história na Península Ibérica e América Latina no século XIX: estudo comparado.
Descrição: Pesquisa de pós-doutoramento que busca traçar um panorama inicial da pintura de história na América Latina, com seus vínculos europeus, visando melhor compreender o fenômeno em suas interligações e diversas especificidades. Para tal, o projeto propõe a pesquisa das obras in loco na Espanha, Portugal, México, Colômbia, Peru, Chile, Argentina, Paraguai e Uruguai. A relação colônia-metrópole e a experiência da formação dos estados nacionais quase simultânea, levaram os artistas latino-americanos a se baterem com questões muito próximas, sendo necessário verificar na construção das identidades nacionais dos países pesquisados o que há de convergente e divergente..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - Atual
A pintura de história no Brasil
Descrição: Este projeto visa mapear a produção de pintura histórica de temática relativa à História no Brasil, compreender os mecanismos de inserção do gênero no país, assim como os diálogos que estabelece com a produção internacional. Baseia-se em duas ações: a) A manutenção de um banco de dados que permite ao pesquisador, além da rápida visualização das imagens e de suas referências técnicas, acessar informações por grupos gerais (obras sobre o mesmo tema, do mesmo acervo, do mesmo artista ou da mesma época) ou grupos mais específicos (relações de poder, étnicas, de gênero...) possibilitando perceber como determinados valores são transmitidos. O banco de dados favorece estudos comparados, dificultados pela dispersão e desconhecimento da pintura de história no Brasil. b) Estudos comparados, remetendo obras e temas a circuitos cada vez mais amplos, inclusive internacional. O projeto se insere no esforço por conhecer a arte do século XIX, abandonada pela crítica e historiografia modernista, cujo maior desprezo recaia, exatamente, sobre a pintura histórica. No momento, desenvolvemos dois sub-projetos: "Pintura de História nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes" e "Pintura de História Brasileira nas Exposições Internacionais do século XIX"..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Coordenador / Bárbara Ferreira Fernandes - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro / Universidade Federal de Juiz de Fora - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 84 / Número de orientações: 22
2003 - 2004
Peinture, histoire et corps au XIXe siècle
Descrição: Identificar as relações internacionais entre a pintura brasileira do século XIX e a arte européia, a partir da análise comparativa entre a pintura histórica de Pedro Americo, de seus professores ligados à École des Beaux-Arts de Paris e dos artistas atuantes na segunda metade do século na França e na Itália.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2001 - 2005
Pintura, história e heróis no séc. XIX: Pedro Americo e
Descrição: Pesquisa sobre a produção, circulação e recepção da obra de Pedro Americo de Figueiredo e Mello (1843-1905) "Tiradentes esquartejado"..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2000 - 2001
Imigração em Juiz de Fora: solidariedades e conflitos
Descrição: Estudo dos grupos nacionais e estrangeiros que contribuíram para a formação da região de Juiz de Fora, MG..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Integrante / Mônica Ribeiro de Oliveira - Integrante / Claudia Maria Ribeiro VISCARDI - Coordenador / Célia Aparecida Maia BORGES - Integrante / Luiz Antônio Valle Arantes - Integrante / Ludmilla Savry de Almeida - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal de Juiz de Fora - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
1999 - 2001
A pintura histórica no acervo do Museu Mariano Procópio (MG): a iconografia Bandeirante
Descrição: Pesquisa sobre a iconografia dos bandeirantes a partir das obras de Henrique Bernardelli e Rodolpho Amoêdo, pertencentes do acervo do Museu Mariano Procópio..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1999 - 2000
Centro de Estudos Murilo Mendes: Pinacoteca (Banco de Dados)
Descrição: Criação de um banco de dados relativos às obras pertencentes ao acervo do Centro de Estudos Murilo Mendes, formado a partir da coleção do poeta..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Coordenador / Hugo Guarrilha - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal de Juiz de Fora - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2
1998 - Atual
Museu Mariano Procópio: Histórico e acervo
Descrição: Criado em 1921 a partir da coleção particular de Alfredo Ferreira Lage, o Museu Mariano Procópio abriga rico acervo, abrangendo mais de 50.000 peças. Em sua pinacoteca encontram-se nomes importantes da pintura européia, a exemplo de Charles François Daubigny (1817-1878), Jean Honoré Fragonard (1732-1806), Willem Relofs (1822-1897) e José Júlio Souza Pinto (1856-1939), como também da pintura brasileira: Pedro Americo de Figueiredo e Melo (1843-1905), Rodolpho Amoêdo (1857-1941), Henrique Bernardelli (1858-1936), Oscar Pereira de Silva e Belmiro de Almeida (1858-1935). Este projeto dedica-se a estudar o histórico e o acervo Museu Marino Procópio, principalmente sua pinacoteca, englobando vários sub-projetos. Em 1998, após termos orientado algumas monografias sobre peças do MMP, iniciamos um estudo mais sistemático, a partir da pintura histórica presente no acervo. De 1999 a 2001, desenvolvemos sub-projeto específico sobre a iconografia bandeirante. De 2001 a 2006, sobre a iconografia da Conjuração Mineira, incluindo tese de doutoramento sobre a tela Tiradentes esquartejado, que culminou no Grande Prêmio Capes de 2006. A partir dessa experiência, desenvolvemos dois outros projetos autônomos sobre a pintura histórica no Brasil e na América Latina. Dando continuidade ao projeto sobre o acervo do museu,trabalhamos em sub-projeto dedicado às representações do cotidiano. Ainda sobre o acervo, pesquisamos, desde 2009, uma peça em especial, dada a sua excepcionalidade: o leque de autógrafos da Viscondessa de Cavalcanti, que inclui 68 assinaturas. O estudo da coleção subsidia a disciplina do curso de história da UFJF Patrimônio Histórico II, cujo conteúdo versa sobre museografia e cultura material. Também nos preocupa a partir do projeto a divulgação do acervo e a orientação de trabalhos acadêmicos sobre ele..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Coordenador / Valéria Mendes Fasolato - Integrante / Caroline Farias Alves - Integrante / Aline Medeiros de Vasconcelos - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 52 / Número de orientações: 23
1997 - 1998
A pintura em áreas cafeeiras: Juiz de Fora (MG), 1850-1930.
Descrição: Pesquisa em periódicos locais sobre a produção e o mercado de arte em Juiz de Fora, MG, no período de 1850 até 1930..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Coordenador / Marco Antônio Lopes de Lima - Integrante / Rosane Carmanini Ferraz - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3
1993 - 1997
História das artes plásticas em Juiz de Fora: documentação oral.
Descrição: Pesquisa, coleta e transcrição de depoimentos de artistas plásticos de Juiz de Fora, ativos até os anos 70..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Coordenador / Rosane Carmanini Ferraz - Integrante / Renata Rodrigues de Assis - Integrante / Eliana Machado Souza - Integrante / Patrícia Falco Genovez - Integrante / Sônali Mendonça Netto - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 21 / Número de orientações: 6
1982 - 1987
A "Europa dos Pobres": o intelectual e o projeto educacional dominante em Juiz de Fora na Belle-époque mineira
Descrição: Estudo da elite cultura de Juiz de Fora a partir da formação da Academia Mineira de Letras e do sistema de ensino. Dissertação de mestrado defendida junto a Universidade Federal Fluminense.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2017 - Atual
Do museu para a universidade, da universidade para o mundo: o acervo do museu Mariano Procópio em vídeo.
Descrição: O projeto visa a produção de vídeos sobre obras do acervo do Museu Mariano Procópio, a partir das pesquisas desenvolvidas sobre o histórico e o acervo do Museu pelo Laboratório de História da Arte, da Universidade Federal de Juiz de Fora. Os vídeos buscarão divulgar o acervo, mas, igualmente, mostrar como uma obra de arte pode ser analisada..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Maraliz de Castro Vieira Christo - Coordenador / Martinho Alves da Costa Junior - Integrante / ALESSANDRA SOUZA MELETT BRUM - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal de Juiz de Fora - Bolsa.Número de orientações: 1


Membro de corpo editorial


2015 - Atual
Periódico: Nava (UFJF)
2008 - Atual
Periódico: Anais do Museu Histórico Nacional
2008 - Atual
Periódico: 19&20 A revista eletrônica de DezenoveVinte
2007 - 2007
Periódico: Revista História Hoje (São Paulo)
2005 - Atual
Periódico: Anais do Museu Paulista
2001 - 2001
Periódico: Revista Brasileira de História (0102-0188)
1995 - 2004
Periódico: Locus: Revista de História


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da Arte.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da cultura.


Idiomas


Inglês
Lê Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2016
XXII Seminário de Iniciação Científica da UFJF, Pró-Reitoria de Pesquisa da UFJF..
2006
Grande Prêmio Capes de Tese Florestan Fernandes (concedido à melhor tese defendida em 2005 no conjunto das grandes áreas de Ciências Humanas, Ciências Sociais Aplicadas e Lingüística, Letras e Artes), CAPES.
2006
Prêmio Capes de Tese (concedido à melhor tese defendida no Brasil em 2005 na área de História), CAPES.
2006
Prêmio Conrado Wessel/CAPES, Fundação Conrado Wessel.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CHRISTO, M. C. V.2018CHRISTO, M. C. V.. Negros em espaços brancos: três quadros, uma só história. Revista Nava, v. 2, p. 166-182, 2018.

2.
CHRISTO, M. C. V.2014CHRISTO, M. C. V.. Pintura histórica no Museu Mariano Procópio .. Anais Museu Mariano Procópio, v. 1, p. 125-158, 2014.

3.
CHRISTO, M. C. V.2013CHRISTO, M. C. V.. Tiradentes no Açougue Brasil, apropriações de Arlindo Daibert.. Saeculum (UFPB), v. 28, p. 275-291, 2013.

4.
CHRISTO, M. C. V.2013CHRISTO, M. C. V.. Desbravadores do Brasil Colônia: disputas iconográficas. Caiana Revista académica de investigación en Arte y cultura visual, v. 3, p. 1-14, 2013.

5.
CHRISTO, M. C. V.2011CHRISTO, M. C. V.. Caupolicán, Atahualpa, Aimberê e Cuauhtémoc, índios vencidos na pintura histórica latino-americana. Portuguese Studies Review, v. 18, p. 209-238, 2011.

6.
CHRISTO, M. C. V.2009 CHRISTO, M. C. V.. A pintura de história no Brasil do século XIX: Panorama introdutório. Arbor (Madrid. Internet), v. CLXXXV, p. 1147-1168, 2009.

7.
CHRISTO, M. C. V.2009CHRISTO, M. C. V.. Algo além do moderno: a mulher negra na pintura brasileira no início do século XX. 19&20 (Online), v. IV, p. 1-10, 2009.

8.
CHRISTO, M. C. V.2009CHRISTO, M. C. V.. Gonzaga bordando: imagens de um conjurado.. Revista do Instituto Histórico e Geographico Brazileiro, v. 442, p. 9-44, 2009.

9.
CHRISTO, M. C. V.2008CHRISTO, M. C. V.. A fragmentação do corpo do herói e a sensibilidade do século XIX.. Arte e Ensaio, v. 16, p. 72-81, 2008.

10.
CHRISTO, M. C. V.2008CHRISTO, M. C. V.. Quando subordinados roubam a cena: a Batalha de Campo Grande de Pedro Américo. Saeculum (UFPB), v. 19, p. 81-101, 2008.

11.
CHRISTO, M. C. V.2008CHRISTO, M. C. V.. Narrativas sobre a Conjuração Mineira: Pedro Americo, Portinari, João Câmara e Joaquim Pedro.. Esboços (UFSC), v. 19, p. 95-116, 2008.

12.
CHRISTO, M. C. V.2007CHRISTO, M. C. V.. Victor Meirelles, Pedro Americo e Henrique Bernardelli: outras leituras.. Anais do Museu Histórico Nacional, v. 39, p. 169-188, 2007.

13.
CHRISTO, M. C. V.2002CHRISTO, M. C. V.. Bandeirantes na contramão da História: um estudo iconográfico.. Projeto História (PUCSP), São Paulo, v. 23, p. 307-335, 2002.

14.
CHRISTO, M. C. V.2002CHRISTO, M. C. V.. Bandeirantes ao chão. Estudos Históricos (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. 30, p. 33-55, 2002.

15.
CHRISTO, M. C. V.2000CHRISTO, M. C. V.. A fotografia através dos anúncios de jornais. Juiz de Fora (1887-1910). Locus (Juiz de Fora), Juiz de Fora, v. 6, n.1, p. 127-146, 2000.

16.
CHRISTO, M. C. V.1998CHRISTO, M. C. V.. O Esquartejamento de Uma Obra: A Rejeicao Ao Tiradentes de Pedro Americo.. LOCUS: REVISTA DE HISTORIA, JUIZ DE FORA, v. 4, n.2, p. 143-166, 1998.

17.
CRHISTO, M. C. V.1997CHRISTO, M. C. V.; CRHISTO, M. C. V. ; A Historia da Arte No Brasil: Uma Entrevista Com Annateresa Fabris. LOCUS: REVISTA DE HISTÓRIA, JUIZ DE FORA, v. 3, n.1, p. 7-14, 1997.

18.
CHRISTO, M. C. V.1997CHRISTO, M. C. V.. Historia das Artes Plasticas Em Minas Gerais.. REGISTRO, MARIANA/MG, v. 4, n.7, p. 9-9, 1997.

19.
CHRISTO, M. C. V.1995CHRISTO, M. C. V.. Algumas Observações Sobre A Pintura Em Áreas Cafeeiras:Juiz de Fora (Mg) 1850-1930.. LOCUS: REVISTA DE HISTORIA, JUIZ DE FORA, v. 1, n.1, p. 63-80, 1995.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
CHRISTO, M. C. V.; PICCOLI, V. (Org.) ; PITTA, F. (Org.) . Coleções em diálogo: Museu Mariano Procópio e Pinacoteca de São Paulo. 1. ed. São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, 2015. v. 1. 281p .

2.
CHRISTO, M. C. V.; NUNES, M. J. . Art Déco e patrimônio histórico.. JUIZ DE FORA: CLIO EDIÇÕES ELETRÔNICAS, 1998. 25p .

3.
CHRISTO, M. C. V.. Juiz de Fora de Dentro da Gente. JUIZ DE FORA: EDUFJF, 1996. 28p .

4.
CHRISTO, M. C. V.. A "Europa dos Pobres": A Belle-Epoque Mineira. JUIZ DE FORA: EDUFJF, 1995. 160p .

Capítulos de livros publicados
1.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica de Portinari: uma ?pintura de camponês??. In: Raquel Henriques da Silva. (Org.). Candido Portinari em Portugal. 1ed.Vila Franca de Xira, Portugal: Museu do Neo-Realismo, 2018, v. 1, p. 89-104.

2.
CHRISTO, M. C. V.. La pintura de historia en la América Latina del siglo xix: elementos para un estudio comparativo. In: Karge, Henrik; Klein, Bruno. (Org.). 1810 - 1910 - 2010. Independencias dependientes. Kunst und nationale Identitäten in Lateinamerika. Art and National Indentities in Latin America. 1ed.Madrid / Frankfurt: Iberoamericana / Vervuert, 2016, v. 1, p. 243-254.

3.
CHRISTO, M. C. V.. Doações da Viscondessa de Cavalcante à Escola Nacional de Belas Artes. In: Maria João Neto; Marize Malta. (Org.). Coleções de Arte em Portugal e Brasil nos séculos XIX e XX.. 1ed.Casal de Cambra, Portugal: Caleidoscópio, 2016, v. 1, p. 515-523.

4.
CHRISTO, M. C. V.. Coleções da Viscondessa de Cavalcanti no Museu Mariano Procópio.. In: MALTA, Marize; NETO, Maria João; CAVALCANTI, Ana; OLIVEIRA, Emerson Dionisio de; COUTO, Maria de Fátima Morethy (orgs.).. (Org.). Histórias da arte em coleções: modos de ver e exibir em Brasil e Portugal.. 1ed.Rio de Janeiro: Rio Books, 2016, v. 1, p. 57-70.

5.
CHRISTO, M. C. V.. Tritão nos jardins do Museu Mariano Procópio ? Diálogos com a História.. In: Elayne Luciana Leite de Melo. (Org.). Encontro de Educadores do Museu Mariano Procópio.. 1ed.Juiz de Fora: Templo, 2015, v. 1, p. 123-134.

6.
CHRISTO, M. C. V.. Exercícios de desenho na acervo do Museu Mariano Procópio: ser ou não ser a Princesa Isabel?. In: CAVALCANTI, Ana; MALTA, Marize; PEREIRA, Sônia Gomes.. (Org.). Coleções de arte: formação, exibição e ensino.. 1ed.Rio de Janeiro: Rio Book?s, 2015, v. 1, p. 55-67.

7.
CHRISTO, M. C. V.. Arte e sociabilidade: artistas franceses no leque de autógrafos da Viscondessa de Cavalcanti. In: Paulo Knauss; Marize Malta. (Org.). Objetos do Olhar. História da Arte. 1ed.São Paulo: Rafael Copetti editor, 2015, v. 1, p. 106-124.

8.
CHRISTO, M. C. V.. COLEÇÃO DE DESENHOS DA PRINCESA ISABEL NO MUSEU IMPERIAL DE PETRÓPOLIS E NO MUSEU MARIANO PROCÓPIO: EXPRESSÃO DE UM SENTIMENTO RELIGIOSO.. In: Hoffmann, Ana Maria Pimenta; Brandão, Angela; Schiappacasse,Fernando Guzmán e Solar, Macarena. (Org.). História da arte: coleções, arquivos e narrativas. 1ed.Bragança Paulista-SP: Editora Urutau, 2015, v. 1, p. 185-200.

9.
CHRISTO, M. C. V.. Colecionismo no Brasil e cultura portuguesa: o Museu Mariano Procópio.. In: Maria João Neto; Marize Malta. (Org.). Coleções de arte em Portugal e Brasil nos séculos XIX e XX. Perfis e trânsitos.. 1ed.Lisboa/Portugal: Caleidoscópio, 2014, v. 1, p. 281-290.

10.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica no Museu Mariano Procópio: discursos desalinhados.. In: Maraliz de Castro Vieira Christo; Fernanda Pitta;Valéria Piccoli. (Org.). Coleções em diálogo: Museu Mariano Procópio e Pinacoteca de São Paulo. 1ed.São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, 2014, v. 1, p. 138-155.

11.
CHRISTO, M. C. V.. Entre a cozinha e o exótico, representações do negro no acervo do Museu Mariano Procópio... In: Maraliz de Castro Vieira Christo; Fernanda Pitta; Valéria Piccoli. (Org.). Coleções em diálogo: Museu Mariano Procópio e Pinacoteca de São Paulo. 1ed.São Paulo: Pinacoteca do Estado de São Paulo, 2014, v. 1, p. 268-281.

12.
CHRISTO, M. C. V.. Representações da expulsão dos holandeses nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes: duas obras de José Corrêa de Lima. In: Mariza Malta; Sônia Gomes Pereira; Ana Cavalcanti. (Org.). Ver para crer. Visão, técnica e interpretação na Academia.. 1ed.Rio de Janeiro: EBA UFRJ, 2013, v. 1, p. 133-142.

13.
CHRISTO, M. C. V.. A América portuguesa representada nas Exposições Gerais de Belas Artes oitocentistas.. In: Arthur Valle; Camila Dazzi, Isabel Portella. (Org.). Oitocentos: intercâmbios culturais entre Brasil e Portugal.. 1ed.Seropédica/RJ: Ed. da UFRRJ, 2013, v. 1, p. 311-320.

14.
CHRISTO, M. C. V.. O mundo das artes nos jornais: Juiz de Fora no século XIX. In: Maria Efigênia Lage de Resende; Luiz Carlos Villalta. (Org.). O mundo das artes nos jornais: Juiz de Fora no século XIX. 1ed.Belo Horizonte: Autêntica Editora; Companhia do Tempo, 2013, v. 2, p. 223-250.

15.
CHRISTO, M. C. V.. Cenas familiares na pintura de Maria Pardos na década de 1910.. In: Marize Malta, Sônia Gomes Pereira,Ana Cavalcanti. (Org.). Novas perspectivas para o estudo da arte no Brasil de entresséculos (XIX-XX). Rio de Janeiro: EBA-UFRJ, 2012, v. 1, p. 181-189.

16.
CHRISTO, M. C. V.. Mulheres cativas na pintura de Raymond Monvoisin. In: Maria Bernardete Ramos Flores; Patrícia Peterle. (Org.). HISTÓRIA E ARTE: Imagem e memória. 1ed.Campinas - SP: Mercado de Letras, 2012, v. 1, p. 139-150.

17.
CHRISTO, M. C. V.. A recepção da pintura histórica peruana no Brasil. In: Emerson Dionisio Gomes de Oliveira, Maria de Fátima Morethy Couto. (Org.). Instituições da Arte. 1ed.Porto Alegre: Editora Zouk., 2012, v. 1, p. 117-139.

18.
CHRISTO, M. C. V.. Tiradentes gevierendeeld: de dilemma's van een schilderij. In: Ana Maria de Moraes Belluzzo; Julio Bandeira; Victor Burton; Lorenzo Mammi. (Org.). Brazil, Brasil. 81ed.Brussel - Antwerpen: Europalia international - Ludion, 2011, v. 1, p. -78.

19.
CHRISTO, M. C. V.. Atahualpa en la corte imperial brasileña.. In: Natalia Majluf. (Org.). Luis Montero. ?Los funerales de Atahualpa?.. 1ed.Lima - Peru: Museo de Arte de Lima, 2011, v. 1, p. 102-131.

20.
CHRISTO, M. C. V.. La construcción de una génesis: independencia, pasado colonial e indigenismo en Brasil y México.. In: Yobenj Aucardo Chicangana-Bayona; Francisco Alberto Ortega Martínez. (Org.). 200 años de independencias. Las culturas políticas y sus legados.. 1ed.Medellín - Colômbia: Universidad Nacional de Colombia, 2011, v. 1, p. 495-524.

21.
CHRISTO, M. C. V.. A participação de Maria Pardos nas Exposições Gerais de Belas Artes (1913-1918). In: RIOS, Kênia Sousa; LUCAS, Meize Regina Lucena e MEDEIROS, Aline da Silva.. (Org.). Cultura e imaginário. 1ed.Fortaleza: Núcleo de Documentação Cultural da UFC/Edições Instituto Frei Tito de Alencar, 2011, v. , p. 293-304.

22.
CHRISTO, M. C. V.. Incorporação de imagens pela pintura de história no século XIX: uma questão ética?. In: Vera Casa Nova; Andréa Casa Nova Maia. (Org.). Ética e Imagem. 1ed.Belo Horizonte: Editora C/Arte e FAPEMIG, 2010, v. , p. 61-74.

23.
CHRISTO, M. C. V.. Representações oitocentistas dos índios no Brasil.. In: Luciene LEHMKUHL; Adalberto PARANHOS. (Org.). História e Imagem: textos visuais e práticas de leituras.. 1ed.Campinas/SP: Mercado de Letras, 2010, v. , p. 71-99.

24.
CHRISTO, M. C. V.. O mito da mineiridade num espaço monárquico: a iconografia da Conjuração Mineira no acervo do Museu Mariano Procópio.. In: Manoel Luiz Salgado GUIMARÃES ; Francisco Régis Lopes RAMOS. (Org.). Futuro do pretérito: escrita da história e história do museu.. 1ed.Fortaleza: Instituto Frei Tito de Alencar/Expressão Grafica Editora, 2010, v. , p. 143-167.

25.
CHRISTO, M. C. V.. A violência como elemento distintivo entre a representação do índio no Brasil e México no século XIX.. In: Arthur Valle; Camila Dazzi. (Org.). Oitocentos: Arte brasileira do Império à República. Tomo 2. Rio de Janeiro: Seropédica, EDUR-UFRRJ,DezenoveVinte, 2010, v. 1, p. 361-377.

26.
CHRISTO, M. C. V.. Herói em pedaços.. In: Luciano Figueiredo. (Org.). Imagens de uma nação.. 1ed.Rio de Janeiro: SABIN (Sociedade de Amigos da Biblioteca Nacional ), 2009, v. 1, p. 19-24.

27.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura e historia en el Brasil del siglo XIX. In: BORGES, Maria Eliza Lindares; CORNELLES, Victor Manuel Minguez.. (Org.). La fabricación visual de mundo atlántico. Castellón de la Plana: Editora Universitat Jaume I, 2009, v. , p. 135-153.

28.
CHRISTO, M. C. V.. A recusa ao corpo fragmentado: a recepção de 'Tiradentes esquartejado'.. In: Ana Maria Tavares Cavalcanti; Camila Dazzi; Arthur Valle.. (Org.). Oitocentos - arte brasileira à Primeira República.. 1ed.Rio de Janeiro: EBA-UFRJ, 2008, v. 1, p. 407-413.

29.
CHRISTO, M. C. V.. As fontes literárias da narrativa de Pedro Americo sobre a Conjuração Mineira. In: Célia Maia Borges. (Org.). Narrativas e Imagens. Juiz de Fora: EDUFJF, 2006, v. , p. 11-57.

30.
CHRISTO, M. C. V.. Trabalho, enriquecimento e exclusão: italianos (1870-1940). In: Célia Maia Borges. (Org.). Solidariedades e conflitos: histórias de vida e trajetórias de grupos em Juiz de Fora.. Juiz de Fora: EdUFJF, 2000, v. , p. 127-182.

31.
CHRISTO, M. C. V.. A vida cultural de Juiz de Fora. In: Mônica Ribeiro de Oliveira. (Org.). Juiz de Fora : Vivendo a História.. Juiz de Fora: Editora da Universidade Federal de Juiz de Fora, 1994, v. , p. 77-84.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
CHRISTO, M. C. V.. A imagem da capa.. Revista de História da Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro, p. 4 - 4, 09 fev. 2014.

2.
CHRISTO, M. C. V.. Perdidas nas molduras. Revista de História da Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro, p. 70 - 75, 01 abr. 2010.

3.
CHRISTO, M. C. V.. O mundo cabe num leque. Revista de História da Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro, , v. 44, p. 78 - 81, 01 maio 2009.

4.
CHRISTO, M. C. V.. Herói em pedaços. Revista de História da Biblioteca Nacional, Rio de Janeiro, , v. 19, p. 24 - 28, 01 abr. 2007.

5.
CHRISTO, M. C. V.. A Construção de Uma Visualidade. Tribuna de Minas, Juiz de Fora, p. 1 - 1, 12 maio 1996.

6.
CHRISTO, M. C. V.. O Patrimônio Histórico e A Exclusão da Memória. Leitura, Juiz de Fora, , v. 8, p. 9 - 9, 28 abr. 1996.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CHRISTO, M. C. V.. PERCURSOS DE ?TIRADENTES ESQUARTEJADO?: ENTRE O MUSEU E O PESADELO. In: Arte e seus lugares: coleções em espaços reais. VIII Seminário do Museu D. João VI / IV Colóquio Internacional Coleções de Arte em Portugal e Brasil nos séculos XIX e XX, 2017, Rio de Janeiro. Anais do VIII Seminário do Museu D. João VI / IV Colóquio Internacional Coleções de Arte em Portugal e Brasil nos séculos XIX e XX [edição digital]. Rio de Janeiro: EBA/PPGAV e Museu D. João VI, 2017. v. 1. p. 301-313.

2.
CHRISTO, M. C. V.. A instituição da ENBA e a coleção de autógrafos no leque da Viscondessa de Cavalcanti: escolhas pela renovação. In: 200 anos da Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro. VII Seminário do Museu D. João VI, 2017, Rio de Janeiro. 200 anos da Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro. Anais eletrônicos do VII Seminário do Museu D. João VI.. Rio de Janeiro: EBA/UFRJ, 2016. v. 1. p. 590-613.

3.
CHRISTO, M. C. V.. A viscondessa e seus artistas: a trajetória de um leque de autógrafos. In: XXXVI Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte: Arte em Ação, 2017, Rio de Janeiro. Anais do XXXVI Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte: Arte em Ação. Rio de Janeiro: Comitê Brasileiro de História da Arte, 2017. v. 1. p. 393-403.

4.
CHRISTO, M. C. V.. A representação da vida moderna: Jardin des Plantes de Jules Scalbert no acervo do Museu Mariano Procópio.. In: XXXIV Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte: Territórios da História da Arte., 2015, Uberlândia, MG. Anais do XXXIV Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte: Territórios da História da Arte.. Uberlândia: CBHA, 2015. v. 1. p. 147-156.

5.
CHRISTO, M. C. V.. La destrucción del cuerpo del héroe. In: XXX Coloquio Internacional de Historia del Arte - Estéticas del des(h)echo, 8-11 de octubre de 2006 , México D.F., 2014, México. XXX Coloquio Internacional de Historia del Arte - Estéticas del des(h)echo. México: UNAM, Instituto de Investigaciones Estéticas, 2014. p. 277-294.

6.
CHRISTO, M. C. V.. A Revolução Francesa no Chile e a pintura histórica de Raymond Monvoisin.. In: XXXIII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte, 2014, Rio de Janeiro. Anais do XXXIII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. ARTE E SUAS INSTITUIÇÕES.. Rio de Janeiro: Comitê Brasileiro de História da Arte, 2013. v. 1. p. 509-524.

7.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura histórica nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes.. In: XXXII COLÓQUIO CBHA: Direções e sentidos da História da Arte, 2013, Brasília. ANAIS DO XXXII COLÓQUIO CBHA 2012. bRASÍLIA: CBHA-UnB, 2012. v. 1. p. 585-600.

8.
CHRISTO, M. C. V.. Os grandes ícones da pintura histórica brasileira executados em Florença por Pedro Americo.. In: VI Jornadas de Historia del Arte de Valparaíso, 2012, Valparaíso (Chile). Vínculos artísticos entre Italia y América. Silencio historiográfico.. Santiago: Museo Historico Nacional, 2012. v. 1. p. 265-275.

9.
CHRISTO, M. C. V.. A história do Brasil apresentada por Antônio Firmino Monteiro na Exposição Geral da Academia de Belas Artes de 1884.. In: II Colóquio Internacional de História da Arte, 2012, Juiz de Fora. Anais do II Colóquio Internacional de História da Arte. Juiz de Fora: Universidade Federal de Juiz de Fora, 2012. v. 1. p. 255-266.

10.
CHRISTO, M. C. V.. Representações da Conjuração Mineira nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes.. In: VI Simpósio Nacional de História Cultural Escritas da História: Ver - Sentir - Narrar, 2012, Teresina. Anais do VI Simpósio Nacional de História Cultural Escritas da História: Ver - Sentir - Narrar. Uberlândia: GT Nacional de História Cultura, 2012. v. 1. p. 1-12.

11.
CHRISTO, M. C. V.. A função da pintura histórica na América Latina e a autonomia da arte no século XIX.. In: VI Congreso Internacional de Teoría e Historia de las Artes. XIV Jornadas CAIA, 2011, Buenos Aires. La autonomía del arte: debates en la teoría y en la praxis. Buenos Aires: CAIA - Centro Argentino de Investigadores de Artes, 2011. v. 1. p. 123-135.

12.
CHRISTO, M. C. V.. Tortura e morte nos anos de chumbo: apropriações do quadro Tiradentes esquartejado, de Pedro Américo. In: IV CONGRESSO LATINOAMERICANO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANIDADES: ?IMAGENS DA MORTE, 2010, Niterói. Anais eletrônicos do IV Congresso Imagens da morte, 2010.

13.
CHRISTO, M. C. V.. Monvoisin no Salon de 1859: índios, mestiçagem e pessimismo. In: VI Encontro de História da Arte IFCH UNICAMP, 2010, Campinas. VI Encontro de História da Arte - História da Arte e suas fronteiras. Campinas: CHAA - Centro de História da Arte e Arqueologia - UNICAMP, 2010. v. 1. p. 279-286.

14.
CHRISTO, M. C. V.. Heróis imóveis na pintura indigenista da América Latina. In: XXX Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte, 2010, Rio de Janeiro. Anais do XXX Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Rio de Janeiro: CBHA, 2010. v. 1. p. 354-366.

15.
CHRISTO, M. C. V.. Diálogos da História da Arte: as apropriações na pintura histórica. In: XXVII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte, 2008, Salvador. Anais do XXVII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Belo Horizonte: C/arte, 2007. v. 1. p. 162-170.

16.
CHRISTO, M. C. V.. A recusa ao herói despedaçado: o esquecimento do quadro ?Tiradentes esquartejado?, de Pedro Américo. In: IV Congreso Internacional de Teoria e Historia de las Artes (XI Jornadas del CAIA), 2007, Buenos Aires. Imágenes perdidas; censura, olvido, descuido.. Buenos Aires: Centro Argentino de Investigadores de Arte, 2007. p. 407-421.

17.
CHRISTO, M. C. V.. A visibilidade tardia: a circulação da obra ?Tiradentes esquartejado? e sua apropriação pelos artistas na década de 70.. In: XXIV Simpósio Nacional de História, 2007, São Leopoldo/RS. História e Multidisciplinaridade: teritórios e deslocamentos. São Leopoldo/RS: ANPUH - UNISINOS, 2007. p. 1-10.

18.
CHRISTO, M. C. V.. Tiradentes esquartejado: a fragilidade do herói no ocaso da pintura de história. In: XXVI Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte, 2007, São Paulo. Anais do XXVI Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Belo Horizonte: C/Arte, 2006. p. 403-409.

19.
CHRISTO, M. C. V.. Le démembrement du corps par le pouvoir: Pedro Americo, Goya e Géricault. In: 5º Congrès International du GRIMH, 2007, Lyon. Image et corps (Les cahiers du Grimh). Lyon: Grimh/LCE Université Lumière-Lyon 2, 2007. p. 343-352.

20.
CHRISTO, M. C. V.. Tomás Antônio Gonzaga na narrativa pictórica de Pedro Américo sobre a Conjuração Mineira. In: XV Encontro Regional de História - ANPUH-MG, 2006, São João del Rei. XV Encontro Regional de História - ANPUH-MG, 2006.

21.
CHRISTO, M. C. V.. Narrativas pictóricas sobre a Conjuração Mineira: Pedro Americo, Portinari e João Câmara. In: Simpósio Nacional de História Cultural - Mundos da Imagem: Do Texto ao Visual, 2006, Florianópolis. Anais do III Simpósio Nacional de História Cultural - Mundos da Imagem: Do Texto ao Visual. Florianópolis: GT História Cultural - Núcleo Santa Catarina - ANPUH-SC/Clicdata Multim, 2006. p. 2770-2779.

22.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica brasileira no século XIX: incorporação e subversão de imagens. In: III Congreso Internacional de Teoria e Historia de las Artes (XI Jornadas del Centro Argentino de Investigadores de Arte - CAIA), 2005, Buenos Aires - Argentina. Original - copia... original?. Buenos Aires: CAIA - Centro Argentino de Investigadores de Arte, 2005. p. 103-115.

23.
CHRISTO, M. C. V.. Os Bandeirantes, de Henrique Bernardelli.. In: I Encontro de História da Arte - IFCH UNICAMP, 2004, Campínas. Revisão historiográfica, o estado da questão. I Encontro de História da Arte, IFCH, UNICAMP. Campinas: UNICAMP/IFCH, 2004. v. 2. p. 166-178.

24.
CHRISTO, M. C. V.. Bandeirantes ao chão: diálogos de Henrique Bernardelli.. In: XXII Colóquio brasileiro de história da arte do Comitê Brasileiro de História da Arte, 2003, Porto Alegre. Anais do XXII colóquio brasileiro de história da arte. Porto Alegre: PUCRS Virtual, 2003.

25.
CHRISTO, M. C. V.. Rodolpho Amoêdo e a iconografia bandeirante. In: XI Encontro da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas - ANPAP, 2001, São Paulo. Anais do XI Encontro da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas, 2001.

26.
CHRISTO, M. C. V.. Affonso Taunay e Henrique Bernardelli, os limites da relação entre o encomendante e o artista.. In: X Encontro Nacional da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas - ANPAP., 1999, São Paulo. Anais do X Encontro Nacional da ANPAP, 1999. p. 131-137.

27.
CHRISTO, M. C. V.. Entre o rural e o urbano: as paisagens de Minas. In: 4º Encontro do Mestrado em História da Arte. EBA-UFRJ, 1997, Rio de Janeiro. 4º Encontro do Mestrado em História da Arte. EBA-UFRJ - Imagem e significação. Rio de Janeiro: UFRJ/EBA, 1997. p. 171-176.

28.
CHRISTO, M. C. V.. Aiba/Enba e A Arte Mineira: Entre A Afirmacao e A Dissidencia (1880-1940).. In: Seminário 180 Anos de criação da Escola de Belas Artes - UFRJ, 1996, Rio de Janeiro. 180 ANOS DE CRIACAO DA ESCOLA DE BELAS ARTES. RIO DE JANEIRO: EBA-UFRJ, 1996. p. 365-372.

29.
CHRISTO, M. C. V.. As artes plásticas na cidade de Juiz de Fora (MG), nos anos 60 e 70: da maturidade figurativa à busca de novas linguagens. In: 3º Encontro do mestrado em História da Arte. EBA-UFRJ, 1996, Rio de Janeiro. 3º Encontro do mestrado em História da Arte. EBA-UFRJ. MEMÓRIA E ESQUECIMENTO. RIO DE JANEIRO: UFRJ, 1996. p. 125-130.

30.
CHRISTO, M. C. V.. A produção do campo simbólico: o fazer artístico da Mata Mineira. In: X Encontro Regional de História - ANPUH-MG, 1996, Mariana. Anais do X Encontro Regional de História - ANPUH-MG - LPH _ Revista de História. Ouro Preto: UFOP. v. 6. p. 171-177.

31.
CHRISTO, M. C. V.. A Atuação do Núcleo de História Regional do Departamento de História da UFJF.. In: I Encontro dos cursos de História de Minas Gerais - Faculdades Integradas Newton Paiva, 1995, Belo Horizonte. ANAIS. BELO HORIZONTE, 1995. p. 54-56.

32.
CHRISTO, M. C. V.. História da pintura em Juiz de Fora - Século XX. In: IX Encontro Regional da Associação Nacional de História - ANPUH-MG, 1994, Juiz de Fora. ANAIS. JUIZ DE FORA: ANPUH-MG, 1994. p. 377-383.

33.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica na América Latina. In: VI Congresso Internacional de Cultura e Literatura Hispano-Americana - UFJF, 1994, Juiz de Fora. Integração Latino-Americana. Belo Horizonte: FAPEMIG, 1994. p. 331-332.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CHRISTO, M. C. V.. A violência como elemento distintivo entre a representação do índio no Brasil e México no século XIX.. In: II Colóquio nacional de estudos sobre arte brasileira do século XIX, 2010, Rio de Janeiro. Caderno de Resumos - II Colóquio nacional de estudos sobre arte brasileira do século XIX. Rio de Janeiro: EBA-UFRJ, 2010. v. 1. p. 45-46.

2.
CHRISTO, M. C. V.. La pintura de historia en la América Latina del siglo XIX: elementos para un estudio comparado.. In: 1810-1910-2010: Independencias dependientes - Independências dependentes - Bedingte Unabhängigkeiten, 2010, Dresden. 1810-1910-2010 : Independencias dependientes - independências dependentes - Bedingte Unabhängigkeiten.. Dresden: Technische Universität Dresden, 2010. v. 1. p. 22-22.

3.
CHRISTO, M. C. V.. A recusa ao corpo fragmentado: a recepção de "Tiradentes esquartejado". In: I Colóquio Nacional de Estudos sobre Arte Brasileira do Século XIX., 2008, Rio de Janeiro. Caderno de resumos. Rio de Janeiro: PPGAV/EBA/UFDRJ, 2008. p. 57-57.

4.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura de história no Brasil e o passado colonial. In: XVI Encontro Regional de História, 2008, Belo Horizonte. Programação e caderno de resumos. Belo Horizonte: ANPUH-MG, 2008. v. 1. p. 294-294.

5.
CHRISTO, M. C. V.. Le démembrement du corps par le pouvoir: Pedro Americo e Goya. In: 5e Congrès International du GRIMH (Groupe de Réflexion sur l'Image dans le Monde Hispanique), 2006, Lyon - França. Image et Corps. Lyon: GRIMH, 2006. p. 9-9.

6.
CHRISTO, M. C. V.. A representação do corpo na pintura histórica brasileira do século XIX: a imagem do suplício. In: XXI Simpósio Nacional de História - ANPUH, 2001, Niterói. XXI Simpósio Nacional de História (Edição complementar do livro de resumos), 2001.

7.
CHRISTO, M. C. V.. Juiz de Fora: Cafeicultura e Arte Na Belle-Époque. In: XVIII Simpósio Nacional de História - ANPUH, 1995, Recife. CADERNO DE RESUMOS. RECIFE: ANPUH, 1995. p. 46-46.

8.
CHRISTO, M. C. V.. O sistema das artes plásticas no Brasil e a integração de áreas periféricas: Juiz de Fora - MG. In: II Congresso de Ciências Humanas, Letras e Artes de Minas Gerais, 1995, Uberlância. ANAIS. UBERLÂNDIA / MG, 1995. p. 239-240.

Artigos aceitos para publicação
1.
CHRISTO, M. C. V.. Victor Meirelles e a Passagem de Humaitá. NAVIGATOR (RIO DE JANEIRO), 2019.

Apresentações de Trabalho
1.
CHRISTO, M. C. V.. Museu Simões das Silva: algumas questões. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
CHRISTO, M. C. V.. Victor Meirelles e a passagem de Humaitá. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
CHRISTO, M. C. V.. Bandeirantes e índios na pintura de Henrique Bernardelli: o processo criativo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CHRISTO, M. C. V.. O sátiro, a mulher, o gato e o incenso: a trajetória de um desenho de Calixto Cordeiro. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica de Monvoisin. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura histórica: estudios comparados. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
CHRISTO, M. C. V.. Estudos comparados em Pintura História. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
CHRISTO, M. C. V.. Estudos comparados da pintura histórica nas Américas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
CHRISTO, M. C. V.. Gênero e negros na Arte. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
CHRISTO, M. C. V.. Missa e batalhas, a pintura histórica brasileira presente na Exposição Universal da Filadélfia, de 1876.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
CHRISTO, M. C. V.. PERCURSOS DE ?TIRADENTES ESQUARTEJADO?: ENTRE O MUSEU E O PESADELO. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
CHRISTO, M. C. V.. A viscondessa e seus artistas: a trajetória de um leque de autógrafos.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
CHRISTO, M. C. V.. A pesquisa em História.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
CHRISTO, M. C. V.. De Fragonard a André Béronneau, pinturas na sala da Viscondessa de Cavalcanti no Museu Mariano Procópio.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
CHRISTO, M. C. V.. A instituição da ENBA e a coleção de autógrafos no leque da viscondessa de Cavalcanti: escolas pela renovação.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura Histórica Brasileira. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
CHRISTO, M. C. V.. Doações da Viscondessa de Cavalcanti à Escola Nacional de Belas Artes. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
CHRISTO, M. C. V.. Arte e sociabilodade: o leque de autógrafos da Viscondessa de Cavalcanti.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
CHRISTO, M. C. V.. Coleções da Viscondessa de Cavalcanti no Museu Mariano Procópio.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
CHRISTO, M. C. V.. Coleção de desenhos da Princesa Isabel no Museu Imperial de Petrópolis e no Museu Mariano Procópio: Expressão de um sentimento religioso.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
CHRISTO, M. C. V.. Uma batalha cromática: Victor Meirelles e a 'Passagem de Humaitá'. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
CHRISTO, M. C. V.. Arte e sociabilidade: o leque de autógrafos da Viscondessa de Cavalcanti.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
CHRISTO, M. C. V.. Cultura clássica entre jabuticabeiras: esculturas no jardim do Museu Mariano Procópio. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
CHRISTO, M. C. V.. Exercícios de desenho no acervo do Museu Mariano Procópio.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
CHRISTO, M. C. V.. A representação da vida moderna: 'Jardin des plantes' de Jules Scalbert no acervo do Museu Mariano Procópio.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
CHRISTO, M. C. V.. Os gêneros da pintura no acervo do Museu Mariano Procópio (Catálogo da Exposição do MMP na Pinacoteca do Estado de São Paulo).. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
CHRISTO, M. C. V.. Mesa-redonda 'Arte no Brasil e Arte Brasileira'.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

28.
CHRISTO, M. C. V.. A Academia Imperial de Belas Artes e a construção da identidade nacional.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
CHRISTO, M. C. V.. Representações de negros na pintura de gênero.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
CHRISTO, M. C. V.. Atahualpa na corte imperial brasileira.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
CHRISTO, M. C. V.. Museu e conhecimento histórico.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
CHRISTO, M. C. V.. Tensões entre a pintura histórica e a construção da nacionalidade.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

33.
CHRISTO, M. C. V.. Negros em espaços brancos: três quadros, uma só história.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

34.
CHRISTO, M. C. V.. A Revolução Francesa no Chile e a pintura histórica de Raymond Monvoisin. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

35.
CHRISTO, M. C. V.. Pesquisa em História da Arte na América Latina: Um estudo de caso. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

36.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica no Brasil. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

37.
CHRISTO, M. C. V.. Representações da expulsão dos holandeses nas Exposições Gerais da Acedemia Imperial das Belas Artes.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

38.
CHRISTO, M. C. V.. Os grandes ícones da pintura histórica brasileira executados em Florença por Pedro Americo.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura histórica nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

40.
CHRISTO, M. C. V.. A América portuguesa representada nas Exposições Gerais de Belas Artes oitocentistas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
CHRISTO, M. C. V.. A História do Brasil apresentada por Antônio Firmino Monteiro na Exposição Geral da Academia de Belas Artes de 1884.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

42.
CHRISTO, M. C. V.. Representações das revoltas coloniais nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

43.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura histórica do século XIX: métodos de pesquisa. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

44.
CHRISTO, M. C. V.. Índio e morte na pintura histórica oitocentista latino americana. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

45.
CHRISTO, M. C. V.. Cenas familiares na pintura de Maria Pardos na década de 1910.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

46.
CHRISTO, M. C. V.. Histórias do Brasil no Museu Mariano Procópio: especificidades de uma coleção.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

47.
CHRISTO, M. C. V.. Indianismo na década de 1860: exposições e crítica de arte. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

48.
CHRISTO, M. C. V.. A função da pintura histórica na América Latina e a autonomia da arte no século XIX.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

49.
CHRISTO, M. C. V.. A violência como elemento distintivo entre a representação do índio no Brasil e México no século XIX.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

50.
CHRISTO, M. C. V.. La pintura de historia en la América Latina del siglo XIX: elementos para un estudio comparado.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

51.
CHRISTO, M. C. V.. Heróis imóveis na pintura indigenista da América Latina. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

52.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura de história do século XIX na América Latina.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

53.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura de história no Brasil: contrastes e convergências com a América hispânica. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

54.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura indigenista en el siglo XIX, México y Brasil: un estudio comparativo. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

55.
CHRISTO, M. C. V.. Quando a pintura desconstrói o herói: "Tiradentes esquartejado" de Pedro Americo.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

56.
CHRISTO, M. C. V.; CARDOSO, H. H. P. ; RODRIGUES, J. P. C. ; GONCALVES, A. L. . Perspectivas da pesquisa histórica no Estado de Minas Gerais. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

57.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura de história no Brasil e o passado colonial. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

58.
CHRISTO, M. C. V.. A recusa ao corpo fragmentado: a recepção de "Tiradentes esquartejado". 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

59.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura, história e heróis no século XIX: Pedro Americo e "Tiradentes Esquartejado". 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

60.
CHRISTO, M. C. V.. Algumas questões sobre a representação do negro na arte brasileira nos anos de 1920.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

61.
CHRISTO, M. C. V.. A representação da mulher negra no Brasil pós-abolição: estudo de uma tela de Armando Vianna.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

62.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura de história no Brasil: a importância de estudos comparativos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

63.
CHRISTO, M. C. V.. Pintura, história e heróis. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

64.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura e o gênero históricos no acervo do Museu Mariano Procópio. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

65.
CHRISTO, M. C. V.. Diálogos da história da arte: as apropriações na pintura histórica. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

66.
CHRISTO, M. C. V.. A recusa ao herói despedaçado: o esquecimento do quadro ?Tiradentes esquartejado?, de Pedro Américo. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

67.
CHRISTO, M. C. V.. ?Tiradente esquartejado?: a fragilidade do herói no ocaso da pintura de história.. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

68.
CHRISTO, M. C. V.. Tomás Antônio Gonzaga na narrativa pictórica de Pedro Américo sobre a Conjuração Mineira. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

69.
CHRISTO, M. C. V.. Le démembrement du corps par le pouvoir: Pedro Americo et Goya. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

70.
CHRISTO, M. C. V.. Um balanço sobre as pesquisas relativas à pintura histórica brasileira.. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

71.
CHRISTO, M. C. V.. A narrativa de Pedro Americo sobre a Conjugação Mineira. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

72.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica brasileira no século XIX: incorporação e subversão de imagens. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

73.
CHRISTO, M. C. V.. "Os Bandeirantes", de Henrique Bernardelli. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

74.
CHRISTO, M. C. V.. História e novas fontes. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

75.
CHRISTO, M. C. V.. Bandeirantes ao chão: diálogos de Henrique Bernardelli. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

76.
CHRISTO, M. C. V.. Rodolpho Amoêdo e a iconografia bandeirante. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

77.
CHRISTO, M. C. V.. A representação do corpo na pintura histórica brasileira do século XIX: a imagem do suplício. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

78.
CHRISTO, M. C. V.. Affonso Taunay e Henrique Bernardelli, os limites da relação entre o encomendante e o artista. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

79.
CHRISTO, M. C. V.. Aiba/Enba e A Arte Mineira: Entre A Afirmacao e A Dissidencia (1880-1940). 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

80.
CHRISTO, M. C. V.. A produção do campo simbólico: o fazer artístico da Mata Mineira. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

81.
CHRISTO, M. C. V.. Entre o rural e o urbano: as paisagens de Minas.. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

82.
CHRISTO, M. C. V.. As artes plásticas na cidade de Juiz de Fora (MG), nos anos 60 e 70: da maturidade figurativa à busca de novas linguagens. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

83.
CHRISTO, M. C. V.. Juiz de Fora: cafeicultura e arte na belle-époque. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

84.
CHRISTO, M. C. V.. O sistema das artes plásticas no Brasil e a integração de áreas periféricas: Juiz de Fora - Mg. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

85.
CHRISTO, M. C. V.. A atuação do Núcleo de História Regional do Departamento de História da UFJF.. 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

86.
CHRISTO, M. C. V.. História da pintura em Juiz de Fora - século XX. 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

87.
CHRISTO, M. C. V.. A pintura histórica na América Latina. 1993. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
CHRISTO, M. C. V.. Prefácio. Juiz de Fora, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

2.
CHRISTO, M. C. V.. Vivendo a história. Novas Pesquisas.. Rio de Janeiro: FGV, 2011 (Orelha de Livro).

3.
CHRISTO, M. C. V.. Encantos da Imagem - Estâncias para a prática historiográfica - Entre História e Arte. Chapecó: Argos, 2010 (Orelha de Livro).

4.
CHRISTO, M. C. V.. Dnar Rocha e a arte Mineira. Juiz de Fora 2007 (Fortuna crítica).

5.
CHRISTO, M. C. V.. Apresentação. Rio de Janeiro, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

6.
CHRISTO, M. C. V.. "Tiradentes esquartejado", Pedro Americo (Catálogo do Museu Mariano Procópio). São Paulo: Banco Safra, 2006 (verbete).

7.
CHRISTO, M. C. V.. "Bandeirantes", Rodolpho Amoêdo (Catálogo do Museu Mariano Procópio). São Paulo: Banco Safra, 2006 (verbete).

8.
CHRISTO, M. C. V.. Jean Honoré Fragonard (Catálogo do Museu Mariano Procópio). São Paulo: Banco Safra, 2006 (verbete).

9.
CHRISTO, M. C. V.. História Oral. Juiz de Fora: Ed.UFJF, 2006 (Orelha de Livro).

10.
CHRISTO, M. C. V.. A obra de arte e a história cultural. Campinas: UNICAMP, 2005. (Tradução/Artigo).

11.
CHRISTO, M. C. V.. Dictionnaire critique des historiens de l?art actifs en France. Paris: INHA, 2004 (verbete).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
CHRISTO, M. C. V.. Subsídios para processos de tombamento, IPLAN- Prefeitura Municipal de Juiz de Fora/MG. 1998.

2.
CHRISTO, M. C. V.. Criação do Espaço Cultural da Associação Comercial de Juiz de Fora. 1996.

3.
CHRISTO, M. C. V.; OLIVEIRA, M. R . Projeto para publicação de fascículos sobre a História de Juiz de Fora. 1996.

4.
CHRISTO, M. C. V.. Assessoria à Escola Modelo Monteiro Lobato, conveniada com a UFJF, no ensino de História, de 1991 a 1996.. 1991.

Trabalhos técnicos
1.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CAPES. 2018.

2.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2018.

3.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista MIDAS, museus e estudos interdisciplinares (Portugal). 2018.

4.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Ars (PPG-ECA-USP). 2017.

5.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista História da historiografia (UFOP). 2017.

6.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2016.

7.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CNPq. 2016.

8.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CAPES. 2015.

9.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Topoí do Programa de Pós-graduação em História Social da UFRJ. 2015.

10.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CNPq. 2015.

11.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista História (São Paulo) UNESP. 2015.

12.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2015.

13.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Brésil(s). Sciences humaines et sociales - Le revue du CRBC - Mondes Américains / EHESS. 2015.

14.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2014.

15.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2014.

16.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2014.

17.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CAPES. 2014.

18.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Topoí do Programa de Pós-graduação em História Social da UFRJ. 2014.

19.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - revista: Brésil(s) da Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales. 2013.

20.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2013.

21.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2013.

22.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2013.

23.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Cantareira - UFF. 2012.

24.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Brasileira de História - ANPUH. 2012.

25.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista ARTCULTURA - UFU. 2012.

26.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2012.

27.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2012.

28.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2012.

29.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CNPq. 2012.

30.
CHRISTO, M. C. V.. Prêmio Lei Murilo Mendes - FUNALFA - Prefeitura Municipal de Juiz de Fora. 2012.

31.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista IEB - USP. 2011.

32.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2011.

33.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - LOCUS revista de história UFJF. 2011.

34.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2011.

35.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Varia História - UFMG. 2011.

36.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2011.

37.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Estudos Históricos - CPDOC - FGV. 2011.

38.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CAPES. 2011.

39.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CNPq. 2011.

40.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2010.

41.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Varia História UFMG. 2010.

42.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - LOCUS revista de história UFJF. 2010.

43.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - CNPq. 2010.

44.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2010.

45.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2010.

46.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2009.

47.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2009.

48.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2009.

49.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2008.

50.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2008.

51.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2008.

52.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Estudos Históricos da FGV/CPDOC. 2007.

53.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc -? FAPES - FUNDAÇÃO DE APOIO À CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO ESPÍRITO SANTO. 2007.

54.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - FAPESP. 2007.

55.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2007.

56.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - LPH Revista de História - UFOP. 2007.

57.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho de pareceristas da Revista Anais do Museu Histórico Nacional - membro. 2007.

58.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Topoí do Programa de Pós-graduação em História Social da UFRJ. 2006.

59.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - LOCUS revista de História, do Programa de Pós-graduação em História da UFJF. 2006.

60.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc da FAPESP. 2006.

61.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2006.

62.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Anais do Museu Paulista USP - membro. 2005.

63.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Brasileira de História da ANPUH. 2005.

64.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Editorial da Revista Brasileira de História da ANPUH - membro. 2001.

65.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Topoí do Programa de Pós-graduação em História Social da UFRJ. 2001.

66.
CHRISTO, M. C. V.. Conselho Consultivo do Núcleo de Minas Gerais da Associação Nacional dos Professores Universitários de História (ANPUH), em 2000-2002. Membro. 2000.

67.
CHRISTO, M. C. V.; OLIVEIRA, L. M. . Dossiê para tombamento de bens culturais do Município de Santa Barbara de Monte Verde/MG,. 1998.

68.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Revista Eletrônica de História do Brasil, editada pelo Arquivo Histórico da UFJF. 1998.

69.
CHRISTO, M. C. V.. Parecerista ad hoc - Conselho Editorial da UFSM. 1998.

70.
CHRISTO, M. C. V.. Membro da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas (ANPAP). 1994.

71.
CHRISTO, M. C. V.. Projeto para publicação de livros didáticos sobre a história de Juiz de Fora (MG). 1993.

72.
CHRISTO, M. C. V.. Presidência do Núcleo de Minas Gerais e membro do Conselho Consultivo da Associação Nacional dos Professores Universitrários de História (ANPUH)-Nacional, em 1993-1994.. 1993.


Demais tipos de produção técnica
1.
CHRISTO, M. C. V.; Roberto Amigo ; Laura Malosetti Costa ; Majluf, N. . Arte moderno en America Latina. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
CHRISTO, M. C. V.; MENESES, P. D. ; PIFANO, R. Q. ; RODRIGUES, A. ; BRAGANCA, M. ; MORENO, P. F. ; SCHMITT, M. A. N. ; PAULA, P. D. G. ; NASCIF, R. M. A. ; BIASIZZO, M. A. M. . curso de extensão ?Literatura de Língua Espanhola e Artes Visuais?. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
CHRISTO, M. C. V.. Anais do Museu Mariano Procópio. 2014. (Editoração/Periódico).

4.
CHRISTO, M. C. V.. Coleções em diálogo: Museu Mariano Procópio e Pinacoteca de São Paulo. 2014. (Editoração/Catálogo).

5.
CHRISTO, M. C. V.; PIFANO, R. Q. ; VIEIRA, S. M. ; BUENO, M. L. ; HABIB, C. ; SOUZA, T. M. ; MATTOS, C. ; GUERSON, M. ; CANDIAN, E. F. . Encontros com a arte. A arte no Brasil: do colonial ao contemporâneo.. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
CHRISTO, M. C. V.; CAPEL, H. S. F. . Dossiê Percursos do Olhar: caminhos da pesquisa nas trilhas da visualidade. Locus, Revista de História. v. 19, n. 2 (2013). 2013. (Editoração/Periódico).

7.
CHRISTO, M. C. V.. A Pintura de História no Brasil: estudos comparados. 2013. (Relatório de pesquisa).

8.
CHRISTO, M. C. V.. Representações da História do Brasil nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes.. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

9.
CHRISTO, M. C. V.. O índio visto pelas artes plásticas no Brasil e América Latina.. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

10.
CHRISTO, M. C. V.. A arte francesa no Museu Mariano Procópio. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

11.
CHRISTO, M. C. V.; BRISAC, Anne-Laure . Dictionnaire critique des historiens de l?art actifs en France. 2008. (Edição).

12.
CHRISTO, M. C. V.. Século XIX - do Neoclassicismo ao Simbolismo. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Demais trabalhos
1.
CHRISTO, M. C. V.. Aula: A pintura histórica do século XIX: a morte do herói.. 2005 (Curso) .

2.
CHRISTO, M. C. V.. Mesa-redonda: A Igreja católica em Juiz de Fora e a Reforma Romanizadora. Centro da memória da Igreja de Juiz de Fora.. 2000 (Mesa-redonda) .

3.
CHRISTO, M. C. V.. Docente do curso: Patrimônio arquitetônico como narrativa histórica da cidade, durante a 5ª Jornada De Educação Municipal, promovida pela Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora, no período de 26 a 28 de maio de 1999.. 1999 (Curso) .

4.
CHRISTO, M. C. V.. Palestra: Portinari e o retrato de Murilo Mendes. Centro de Estudos Murilo Mendes - UFJF. 1997 (Palestra) .

5.
CHRISTO, M. C. V.. Docente do curso: O ensino da História de Juiz de Fora, durante a 4ª Jornada de Educação Municipal, promovida pela Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora, no período de 31 de julho a 02 de agosto de 1997. 1997 (Curso) .

6.
CHRISTO, M. C. V.. Docente do curso: O patrimônio cultural e arquitetônico de Juiz de Fora e o ensino de História, durante a 4ª Jornada De Educação Municipal, promovida pela Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora, no período de 31 de julho a 02 de agosto de 1997.. 1997 (Curso) .

7.
CHRISTO, M. C. V.. Mesa-redonda: A pintura de Juiz de Fora. Centro de Estudos Murilo Mendes - UFJF. 1996 (Mesa-redonda) .

8.
CHRISTO, M. C. V.. Mesa-redonda: Modernismo e vanguardas: os olhares artísticos de Minas. Núcleo de História Regional - UFJF. 1995 (Mesa-redonda) .

9.
CHRISTO, M. C. V.. Mesa-redonda: A pesquisa em História da cultura e das instituições regionais. UFJF. 1994 (Mesa-redonda) .

10.
CHRISTO, M. C. V.. Docente do curso: História de Juiz de Fora, durante a Iª Jornada de Educação Municipal, promovida pela Secretaria de Educação da Prefeitura Municipal de Juiz de Fora, no período de 21 a 25 de novembro de 1994.. 1994 (Curso) .

11.
CHRISTO, M. C. V.. Docente do Curso de História da Arte, promovido pela Pró-Música (Juiz de Fora), durante o IV Festival Internacional de Música Colonial Brasileira e Música Antiga, em julho de 1993. 1993 (Curso) .

12.
CHRISTO, M. C. V.. Docente do Curso de História da Arte, promovido pela Pró-Música (Juiz de Fora), durante o III Festival Internacional de Música Colonial Brasileira e Música Antiga, em julho de 1992. 1992.

13.
CHRISTO, M. C. V.. Conferência: Pesquisa em História. Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras Mater Divinae Gratiae, Barbacena (MG). 1991 (Conferência) .

14.
CHRISTO, M. C. V.. Mesa-redonda: Preservação do patrimônio histórico documental e o desenvolvimento da historiografia em Juiz de Fora. UFJF. 1991 (Mesa-redonda) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
CHRISTO, M. C. V.; Caetano, R. L.; VALLE, A.. Participação em banca de João Victor Rossetti Brancato. A crítica de arte de Adalberto Mattos (1888-1966): Princípios, referências e juízos sobre a pintura. 2018. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

2.
CHRISTO, M. C. V.; BARATA, A. M.; SQUEFF, L. C.. Participação em banca de Bárbara Ferreira Fernandes. Do Juramento da princesa ao Museu Imperial: a trajetória de uma obra e sua inserção no projeto político do Estado. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

3.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; PICCOLI, V.. Participação em banca de Felipe da Silva Corrêa. Uma tarde na Holanda : a representação da paisagem na obra de Willem Roelofs. 2017. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

4.
CHRISTO, M. C. V.; Ana Maria Tavares Cavalcanti; COSTA JUNIOR, M. A.. Participação em banca de Aline Viana Tomé. As representações da cidade do Rio de Janeiro na obra de Eliseu d'Ângelo Visconti (1866-1944). 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

5.
CHRISTO, M. C. V.; MENESES, P. D.; VERMEERCH, P.. Participação em banca de Thamis Malena Marciano Caria. Cleópatra e o Museu D. João VI: a trajetória de uma obra.. 2016. Dissertação (Mestrado em Artes, Cultura e Linguagens) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.; VALLE, A.. Participação em banca de Amanda Tostes Capichoni. Arrufos ou adultério? Debates sobre uma tela de Belmiro de Almeida.. 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

7.
CHRISTO, M. C. V.; DIAS, E. C.; BARATA, A. M.. Participação em banca de Julliana Garcia Neves. O Retrato de D. Pedro II do Museu Mariano Procópio. Entre a memória da Monarquia e a consolidação da República.. 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

8.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.; DAZZI, C.. Participação em banca de Giovana Loos Moreira. A construção da História Nacional pelo pintor Firmino Monteiro entre 1879 e 1884.. 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

9.
CHRISTO, M. C. V.; ROLO, A. N. R.; RIBEIRO, N. S. D.. Participação em banca de Rhuan Fernandes Gomes. A imagem do Artista, a caneta do crítico: A recepção do ?Grão Vasco? na Historiografia da arte de Luís Reis Santos (1930 ? 1967). 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

10.
CHRISTO, M. C. V.; BARATA, A. M.; FERNANDES, C. V. N.. Participação em banca de Mariana Guimarães Chaves. A proteção às artes: um olhar sobre o mecenato artístico no Segundo Reinado (1841-1889). 2015. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

11.
COUTINHO, A. S.; SIMIONI, A. P. C.; CHRISTO, M. C. V.. Participação em banca de Valéria Mendes Fasolato. As representações de infância da pintura de Maria Pardos. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

12.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; PIFANO, R. Q.. Participação em banca de Samuel Mendes Vieira. À FLOR DA PELE: AMUADA DE BELMIRO DE ALMEIDA E A PINTURA NA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX.. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

13.
CHRISTO, M. C. V.; MAIA, A. C. N.; OLENDER, M.. Participação em banca de Claudia Carvalho Gaspar Cimino. A LINHA QUE TRAMA A VIDA É A MESMA QUE TRAÇA O DESENHO: HISTÓRIA E MEMÓRIA DA ESTAMPARIA NA FERREIRA GUIMARÃES EM JUIZ DE FORA NO SÉCULO XX. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

14.
CHRISTO, M. C. V.; Ana Maria Tavares Cavalcanti; PEREIRA, S. G.. Participação em banca de Alice Guimarães Bandeira. Descanso do modelo: trajetória e repercussão da pintura de gênero brasileira no final do século XIX.. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Artes Visuais) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

15.
CHRISTO, M. C. V.; PIFANO, R. Q.; ARAUJO, J. X.. Participação em banca de Hudson Lucas Marques Martins. O mestre pintor: A trajetória de João Nepomuceno Correia Castro & A arte da pintura em Minas Gerais no século XVIII e XIX.. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

16.
CHRISTO, M. C. V.; BRANDAO, L. L.; DIENER, P.. Participação em banca de José Rodolfo Monteiro. O ?Atlas? de Spix e Martius - catálogo e estudos.. 2013. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

17.
CHRISTO, M. C. V.; Ana Maria Tavares Cavalcanti; Texeira, Marize Malta. Participação em banca de Hilzes de Oliveira Silva. Matéria, técnica e expressão: o tecido na pintura de gênero no Rio de Janeiro de entresséculos. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Artes Visuais) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

18.
CHRISTO, M. C. V.; BRANDÃO, Ângela; LEITE, Rui Moreira. Participação em banca de Renata Oliveira Caetano. Murilo Mendes por Flávio de Carvalho: relações intelectuais através da obra de retratos. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

19.
CHRISTO, M. C. V.; ROMEIRO, A.; LOURENCO, M. C. F.. Participação em banca de Raquel Aguilar de Araújo. As linguagens de Almeida Júnior: o diálogo com a modernidade. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Minas Gerais.

20.
CHRISTO, M. C. V.; BRANDÃO, Ângela; BAPTISTA, A. P. P.. Participação em banca de Ilton José de Cerqueira Filho. Interconexão entre pintura, vida e religião: a obra mural sacra moderna de Emeric Marcier. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

21.
CHRISTO, M. C. V.; LIMA, E. L. C.; LIMA, G. C.. Participação em banca de Ligia Maria Alves de Lacerda. Pietro Biancovilli: imagens da industrialização no álbum de litografias do Museu Mariano Procópio (1888-1914). 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

22.
CHRISTO, M. C. V.; Ivan Coelho de Sá; BARBOSA, S. M.. Participação em banca de Aloísio Arnaldo Nunes de Castro. A trajetória histórica da conservação-restauração de acervos em papel no Brasil. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

23.
CHRISTO, M. C. V.; CAMPOS, A. A.; BORGES, M. E. L.. Participação em banca de RÚBIA SORAYA LELIS RIBEIRO. AS FOTOGRAFIAS DE ANDRÉ BELLO (1879-1941): IMAGENS DA MODERNIDADE EM SÃO JOÃO DEL REI". 2006. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Teses de doutorado
1.
CHRISTO, M. C. V.; Texeira, Marize Malta; Paulo Knauss de Mendonça; OLIVEIRA, E. D.; TAVORA, M. L. L.. Participação em banca de Diego Souza de Paiva. O David do Brennand e o protagonismo das cópias na História da Arte: trajetórias e espaços expositivos de um objeto de arte particular. 2017. Tese (Doutorado em Artes Visuais) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
CHRISTO, M. C. V.; CHAGAS, M.; OLENDER, M.; CHRISTOFOLETTI, R.; NEDEL, L. B.. Participação em banca de THAINÁ CASTRO COSTA FIGUEIREDO LOPES. O COLECIONADOR EM EXPOSIÇÃO: DISCURSOS E REPRESENTAÇÕES NAS EXPOSIÇÕES DE LONGA DURAÇÃO DO MUSEU MARIANO PROCÓPIO. 2017. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

3.
CHRISTO, M. C. V.; LINO, S.; MAUAD, A. M.. Participação em banca de Rosane Carmanini Ferraz. A coleção de fotografias do Museu Mariano Procópio e as sociabilidades no Brasil oitocentista.. 2016. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

4.
CHRISTO, M. C. V.; PITTA, F.; COSTA JUNIOR, M. A.; ARAUJO, M.; CERASOLI, J. F.. Participação em banca de Renata Bittencourt. Um dândi negro: o retrato de Arthur Timótheo da Costa por Carlos Chambelland. 2015. Tese (Doutorado em Doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

5.
CHRISTO, M. C. V.; MENESES, P. D.; QUIRICO, T.; RAGAZZI, A.; PIFANO, R. Q.; COSTA JUNIOR, M. A.. Participação em banca de Rogéria Olimpio dos Santos. O Álbum das Antigualhas de Francisco de Holanda. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; SQUEFF, L. C.; KUHL, P. M.; TOGNON, M.. Participação em banca de Martinho Alves da Costa Junior. A figura feminina na obra de Théodore Chassériau: reflexões sobre nus, vítimas e o fim de século.. 2013. Tese (Doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

7.
CHRISTO, M. C. V.; PEREIRA, S. G.; MIGLIACCIO, L.; MIYOSHI, A. G.; GOLDBERG, S. S.. Participação em banca de Fernanda Mendonça Pitta. Um povo pacato e bucólico: costume, história e imaginário na pintura de Almeida Júnior.. 2013. Tese (Doutorado em Artes) - Universidade de São Paulo.

8.
CHRISTO, M. C. V.; Ana Maria Tavares Cavalcanti; PEREIRA, S. G.; Ângela Ancora da Luz; MIGLIACCIO, L.. Participação em banca de Camila Carneiro Dazzi. "Pôr em prática a reforma da antiga Academia": a concepção e a implementação da reforma que instituiu a Escola Nacional de Belas Artes em 1890.. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Artes Visuais) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; MARSON, Izabel; TIBURI, Marcia; MARTINS, Eduardo. Participação em banca de Alexander Gaiotto Miyoshi. Moema é morta. 2010. Tese (Doutorado em Doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

10.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; Ana Maria Tavares Cavalcanti; PEREIRA, S. G.; SCHIAVINATTO, I.L.F.. Participação em banca de Mirian Nogueira Seraphin. A catalogação das pinturas a óleo de Eliseu d'Angelo Visconti: o estado da questão.. 2010. Tese (Doutorado em Doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

11.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; Gomes, P.; TARASANTCHI; FUNARI. Participação em banca de Vivian da Silva Paulitsch. Impasses no exercício da feminilidade e da maternidade no tríptico La Faiseuse D`Angels do pintor Pedro Weingärtner.. 2009. Tese (Doutorado em Doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

12.
CHRISTO, M. C. V.; PEREIRA, S. G.; Ana Maria Tavares Cavalcanti; Ângela Ancora da Luz; Paulo Knauss de Mendonça. Participação em banca de Reginaldo da Rocha Leite. A imagem e a semelhança: a prática da cópia das pinturas européias na Academia Imperial das Belas Artes no Rio de Janeiro (1855-1890). 2008. Tese (Doutorado em Artes Visuais) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
CHRISTO, M. C. V.; PEREIRA, S. G.; Ana Maria Tavares Cavalcanti. Participação em banca de Guilherme Frazão Conduru. Alegorias em confronto, Os descobridores, de Belmiro de Almeida, e Paz e Concórdia, de Pedro Américo: A representação da nação na República nascente. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Artes Visuais) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
CHRISTO, M. C. V.; PEREIRA, S. G.; IPANEMA, R. M.. Participação em banca de Marcia Cristina Alves. A coleção de arte Dr. Pedro Nava, colecionismo como fonte para a história da medicina.. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Artes Visuais) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
CHRISTO, M. C. V.; LINO, S.; MAUAD, A. M.. Participação em banca de Rosane Carmanini Ferraz. Fotografia e sociabilidade: a formação da coleção de fotografias oitocentistas no acervo do Museu Mariano Procópio.. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

4.
CHRISTO, M. C. V.; CHIARELLI, T.; FABRIS, A.. Participação em banca de Fábio D'Almeida Lima Maciel. Pedro Américo entre arte, ciência e um outro nacional.. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Artes Visuais) - Escola de Comunicações e Artes - Universidade de São Paulo.

5.
CHRISTO, M. C. V.; MENESES, P. D.; BERBARA, M.. Participação em banca de Rogéria Olímpio dos Santos. A falência do antigo: um estudo das causas do declínio de Francisco de Holanda no cenário português do século XVI.. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; MARSON, Isabel. Participação em banca de Alexander Gaiotto Miyoshi. Moema é morta. Pintura e escultura na segunda metade do século XIX. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

7.
DOMINGUES, B. H.; LINO, S.; SILVA NETO, F. L. P da; CHRISTO, M. C. V.. Participação em banca de Kelmer Esteves de Paula. A imagética religiosa em Farnese de Andrade. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência da Religião) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

8.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; Margareth Rago. Participação em banca de Vivian da Silva Paulitsch. Chez la faiseuse d'anges (Roma, 1908): a mulher na obra do artista Pedro Weingartner (1853-1929). 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em História) - Universidade Estadual de Campinas.

Qualificações de Mestrado
1.
CHRISTO, M. C. V.; BARBOSA, S. M.; Paulo Knauss de Mendonça. Participação em banca de Álvaro Saluan da Cunha. LITOGRAFIAS DA COLEÇÃO ?QUADROS HISTORICOS DA GUERRA DO PARAGUAY?: projeto editorial e imagens (década de 1870). 2018. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

2.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.; SIMIONI, A. P. C.. Participação em banca de Caroline Farias Alves. Arte, gênero e sociabilidade: o retrato de Nair de Teffé por Georgina de Albuquerque. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Ecologia - PGECOL) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

3.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.; Ana Maria Tavares Cavalcanti. Participação em banca de Aline Medeiros de Vasconcelos. HIPÓLITO BOAVENTURA CARON (1863-1892) E O MUSEU MARIANO PROCÓPIO: PAISAGEM, RETRATO E ARTE DECORATIVA. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

4.
CHRISTO, M. C. V.; MIYOSHI, A. G.; COSTA JUNIOR, M. A.. Participação em banca de EPONINA CASTOR DE MELLO MONTEIRO. A REPRESENTAÇÃO DO FEMININO NA OBRA DE GEORGE BELLOWS: Um estudo do nu sentado. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

5.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.; MIYOSHI, A. G.. Participação em banca de Brenda M. de Oliveira. O corpo para o paisagista: o nu feminino em destaque. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
CHRISTO, M. C. V.; BARATA, A. M.; SQUEFF, L. C.. Participação em banca de Bárbara Ferreira Fernandes. Do Juramento da Princesa ao Museu Imperial: a trajetória de uma obra e sua inserção no projeto político do Estado,. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

7.
CHRISTO, M. C. V.; VALLE, A.; Caetano, R. L.. Participação em banca de João Victor Rossetti Brancato. Crítica de Arte e Modernidade no Rio de Janeiro: intertextualidade na imprensa carioca dos anos 20 a partir de Adalberto Mattos (1888-1966). 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

8.
CHRISTO, M. C. V.; PICCOLI, V.; COLI, J.. Participação em banca de Felipe da Silva Corrêa. Uma tarde na Holanda - a representação da paisagem na obra de Willem Roelofs.. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Estadual de Campinas.

9.
CHRISTO, M. C. V.; Ana Maria Tavares Cavalcanti; COSTA JUNIOR, M. A.. Participação em banca de Aline Viana Tomé. A Representação da cidade do Rio de Janeiro na obra de Eliseu d?Ângelo Visconti (1866-1944). 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

10.
CHRISTO, M. C. V.; DIAS, E. C.; BARATA, A. M.. Participação em banca de JULLIANA GARCIA NEVES. Entre a memória da monarquia e a construção da república: a trajetória do ?Retrato de Pedro II? do Museu Mariano Procópio. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

11.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.; VALLE, A.. Participação em banca de Amanda Tostes Capichoni. Arrufos ou adultério? Debates sobre uma tela de Belmiro de Almeida. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

12.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.; DAZZI, C.. Participação em banca de Giovana Loos Moreira. A história do Brasil na pintura de Antônio Firmino Monteiro entre 1879 e 1884. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

13.
CHRISTO, M. C. V.; QUIRICO, T.; COSTA JUNIOR, M. A.. Participação em banca de Thamis Malena Marciano Caria. Cleópatra e o Museu D. João VI: a trajetória de uma obra. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Artes, Cultura e Linguagens) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

14.
CHRISTO, M. C. V.; BARATA, A. M.; PEREIRA, S. G.. Participação em banca de Mariana Guimarães Chaves. A construção nacional e as relações de poder: análise do patronato imperial e do papel das artes na formação dos Projetos Nacionais (1841-1889). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

15.
CHRISTO, M. C. V.; RIBEIRO, N. S. D.; ROLO, A. N. R.. Participação em banca de Rhuan Fernandes Gomes. A RECEPÇÃO DA PINTURA DO ?GRÃO VASCO? NA ESCRITA DA HISTÓRIA DE LUÍS REIS SANTOS (1940-1967). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

16.
CHRISTO, M. C. V.; MENESES, P. D.; COUTINHO, A. S.. Participação em banca de Valéria Mendes Fasolato. As representações de infância da pintura de Maria Pardos. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

17.
CHRISTO, M. C. V.; OLENDER, M.; ALBERTI, V.. Participação em banca de Claudia Carvalho Gaspar Cimino. A linha que trama a vida é a mesma que traça o desenho: História e memória da estamparia na Ferreira Guimarães em Juiz de Fora no século XX.. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

18.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; Pifano, R.. Participação em banca de Samuel Mendes Vieira. À flor da pele: Amuada de Belmiro de Almeida e a pintura na segunda metade do século XIX.. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

19.
CHRISTO, M. C. V.; SIMIONI, A. P. C.; SCHWARCZ, L. K. M.. Participação em banca de Lúcia Klück Stumpf. Antônio Parreiras (1860-1937): um pintor entre a academia e o mercado. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Prog. de Pós-graduação em Culturas e Identidades B) - Instituto de Estudos Brasileiros - USP.

20.
CHRISTO, M. C. V.; XAVIER, J.; Pifano, R.. Participação em banca de Hudson Lucas Marques Martins. O Mestre pintor; ou A trajetória de João Nepomuceno Correia Castro; ou O ofício da pintura em Minas Gerais no século XVIII.. 2012.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
CHRISTO, M. C. V.; COSTA JUNIOR, M. A.. Participação em banca de Luisa Pereira Vianna.?Nous serons grands?: uma análise dos autorretratos esqueletizados de James Ensor. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

2.
Romero, M.; Pereira, M. S.; CHRISTO, M. C. V.. Participação em banca de Samuel Mendes Vieira.Tramas e traços: Levantamento historiográfico sobre a vida e obra de Belmiro de Almeida (1858-1935). 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Graduação em História) - Centro de Ensino Superior de Juiz de Fora.

3.
CHRISTO, M. C. V.; VISCARDI, , C. M. R.; ARANTES, V. V.. Participação em banca de Maíra Carvalho Carneiro Silva.Modernizar para criar a cidade sonhada: Juiz de Fora na virada do século XX. 2006 - Universidade Federal de Juiz de Fora.

4.
CHRISTO, M. C. V.; BORGES, C. A. M.; BARATA, A. M.. Participação em banca de Ioneide Maria Piffano Brion.A ação reformadora e romanizadora na Igreja Católica de Juiz de Fora (1890-1924). 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

5.
CHRISTO, M. C. V.; ARANTES, V. V.. Participação em banca de Denise de Fátima Gonzaga da Silva.Murilo Mendes e a poética da guerra: Um debruçar surrealista sobre a modernidade e o conceito de história de Walter Benjamin. 2005 - Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
CHRISTO, M. C. V.; LINO, S.; MAMBRO, G. R.. Participação em banca de Leandro Surya Carvalho de Oliveira Silva.A fotografia e suas possibilidades na pesquisa histórica. 2002. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

7.
CHRISTO, M. C. V.; MAMBRO, G. R.; LINO, S.. Participação em banca de Rosane Carmanini Ferraz.A chegada do cinema em Juiz de Fora: uma nova opção de entretenimento no centro cultural de Minas Gerais (1897-1912). 2000. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

8.
CHRISTO, M. C. V.. Participação em banca de Rita de Cássia Vianna Rosa.Nossos barões, seus ?impérios?: aspectos da vida material da elite nobiliárquica do século XIX. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

9.
CHRISTO, M. C. V.; BARATA, A. M.; BORGES, C. A. M.. Participação em banca de Robert Daibert Júnior.Princesa Isabel: a construção da imagem redentora.. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

10.
CHRISTO, M. C. V.; PIRES, A.. Participação em banca de Larissa Rodrigues Feital.O canto orfeônico em um Estado autoritário ( O Estado Novo - 1937-1945). 1997. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

11.
CHRISTO, M. C. V.; VISCARDI, , C. M. R.; BARATA, A. M.. Participação em banca de Riwah Rosiclaire Mendes.As características do processo de mudança da capital mineira: de Ouro Preto a Belo Horizonte (1890-1892).. 1994. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
CHRISTO, M. C. V.; MIYOSHI, A. G.; SCHLEE, A. R.. Comissão examinadora de concurso público nº 270 edital 039/2014 para cargo de Professor Adjunto A, no conjunto de disciplinas História da Arte e Patrimônio Cultural. 2015. Universidade Federal de Juiz de Fora.

2.
CHRISTO, M. C. V.; Pifano, R.; RIBEIRO, M. A.. Banca examinadora de concurso público nº 220 edital 33-2013 para cargo de Professor Adjunto A, na área de História e Crítica da Arte Contemporânea. 2014. Universidade Federal de Juiz de Fora.

3.
CHRISTO, M. C. V.; VISCARDI, , C. M. R.; MARTINS, M. F. V.. Processo de seleção para ingresso no programa de pós-graduação em história da UFJF. 2014. Universidade Federal de Juiz de Fora.

4.
CHRISTO, M. C. V.; SALOMON, M. J.; BORGES, Maria Elizia. Banca Examinadora do Concurso Público para o cargo prof. adjunto - História da Arte - UFG. 2012. Universidade Federal de Goiás.

5.
CHRISTO, M. C. V.; BORGES, C. A. M.; BARBOSA, S. M.; OLENDER, M.. Processo de seleção para ingresso no programa de pós-graduação em história da UFJF. 2012. Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
Ana Maria Tavares Cavalcanti; CHRISTO, M. C. V.; Pifano, R.. Concurso Público para o cargo de professor adjunto 01, na área: História da Arte, no IAD-UFJF. 2011. Universidade Federal de Juiz de Fora.

7.
Carrara, A.; BARBOSA, S. M.; LOBO, V. M.; CHRISTO, M. C. V.. Processo de seleção para ingresso no programa de pós-graduação em história da UFJF. 2010. Universidade Federal de Juiz de Fora.

8.
CHRISTO, M. C. V.; RODRIGUES, J. P. C.; CAMPOS, A. A.. Concurso Público docente para professor adjunto de História da Arte no Departamento de Ciências Sociais da UFSJ. 2006. Universidade Federal de São João Del-Rei.

9.
CHRISTO, M. C. V.; BARBOSA, S. M.; ARANTES, V. V.. Seleção pública para professor substituto do Departamento de História da UFJF, no conjunto de disciplinas: História da Arte,. 2005. Universidade Federal de Juiz de Fora.

10.
CHRISTO, M. C. V.; ARANTES, V. V.. Seleção pública para professor substituto do Departamento de História da UFJF, no conjunto de disciplinas: História da Arte,. 2000. Universidade Federal de Juiz de Fora.

11.
CHRISTO, M. C. V.. Seleção pública para professor substituto do Departamento de História da UFJF, no conjunto de disciplinas: História da Arte III, História da Arte e Arquitetura I e Civilização Contemporânea.. 1997. Universidade Federal de Juiz de Fora.

12.
CHRISTO, M. C. V.. Seleção pública para professor substituto do Departamento de História da UFJF, no conjunto de disciplinas: História da Arte,.. 1996. Universidade Federal de Juiz de Fora.

13.
CHRISTO, M. C. V.. Seleção pública para professor substituto do Departamento de História da UFJF, no conjunto de disciplinas: Técnicas de Pesquisa Histórica, Introdução aos Estudos Históricos e Metodologia da História. 1996. Universidade Federal de Juiz de Fora.

14.
CHRISTO, M. C. V.. Concurso público para professor efetivo do Colégio Universitário, na área de História, da Universidade Federal de Viçosa,.. 1996. Universidade Federal de Viçosa.

15.
CHRISTO, M. C. V.. Concurso público para professor de História da Rede Municipal de Ensino, em Juiz de Fora. 1995. Prefeitura Municipal de Juiz de Fora.

16.
CHRISTO, M. C. V.. Concurso público para professor efetivo do Colégio Universitário, na área de História, da Universidade Federal de Viçosa. 1993. Universidade Federal de Viçosa.

17.
CHRISTO, M. C. V.; COLI, J.; ARESTIZABAL, I.. Concurso Público para professor assistente do Departamento de História da UFJF, no conjunto de disciplinas: História da Arte. 1992. Universidade Federal de Juiz de Fora.

Outras participações
1.
CHRISTO, M. C. V.. Comissão Externa do Programa Institucional de bolsas de Iniciação Científica PIBIC/CNPq-IBRAM. 2018. Instituto Brasileiro de Museus.

2.
CHRISTO, M. C. V.; ARAUJO, S.; ARAUJO, R. C.; ANDRADE, M. P.; LEAL JUNIOR, M. A.. COMISSÃO DE PREMIAÇÃO PRÊMIO CAPES DE TESE 2015. 2015. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

3.
CHRISTO, M. C. V.. 21º Seminário de Iniciação Científica da UFJF. 2015. Universidade Federal de Juiz de Fora.

4.
CHRISTO, M. C. V.; PEREIRA, S. G.; LOPES, A.; FREIRE, L. A.; KERN, M. L. B.; CONDURU, R.; CHIARELLI, T.. Comitê Científico do XXXI Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. 2011. Comitê Brasileiro de História da Arte.

5.
CHRISTO, M. C. V.. Prêmio Amigo do Patrimônio. 2010. Prefeitura Municipal de Juiz de Fora.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
150 anos da Passagem de Humaitá: história, memória e representações. Victor Meirelles e a passagem de Humaitá. 2018. (Congresso).

2.
Coloquio-homenaje. De la modernidad ilustrada a la ilustración modernista. Pintura histórica: estudios comparados. 2018. (Congresso).

3.
IX Seminário do Museu D. João VI.Bandeirantes e índios na pintura de Henrique Bernardelli: o processo criativo. 2018. (Seminário).

4.
Seminário Internacional Monvoisin na América.A pintura histórica de Monvoisin. 2018. (Seminário).

5.
VIII Seminário Interno do Laboratório de História da Arte.Museu Simões das Silva: algumas questões. 2018. (Seminário).

6.
XXXVIII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte.O sátiro, a mulher, o gato e o incenso: a trajetória de um desenho de Calixto Cordeiro. 2018. (Simpósio).

7.
Arte e seus lugares: coleções em espaços reais. VIII Seminário do Museu D. João VI / IV Colóquio Internacional Coleções de Arte em Portugal e Brasil nos séculos XIX e XX.PERCURSOS DE ?TIRADENTES ESQUARTEJADO?: ENTRE O MUSEU E O PESADELO. 2017. (Seminário).

8.
XXXIII Semana de História. Gênero e negros na arte. 2017. (Congresso).

9.
XXXVII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Estudos comparados da pintura histórica nas Américas. 2017. (Congresso).

10.
III Colóquio Internacional «Coleções de Arte em Portugal e Brasil nos séculos XIX e XX». Doações da Viscondessa de Cavalcante à Escola Nacional de Belas Artes. 2016. (Congresso).

11.
8ª jornadas de História da Arte: coleções, arquivos e narrativas. Coleção de desenhos da princesa Isabel no Museu Imperial de Petrópolis e no Museu Mariano Procópio: expressão de um sentimento religioso.. 2015. (Congresso).

12.
XI Encontro de História da Arte. Da percepção à palavra: luz e cor na História da Arte.Uma batalha cromática: Victor Meirelles e a Passagem de Humaitá. 2015. (Encontro).

13.
III Colóquio Internacional de História da Arte e da Cultura.Cultura clássica entre jabuticabeiras: esculturas no jardim do Museu Mariano Procópio.. 2014. (Seminário).

14.
II Seminário de História e Cultura: imagens na escrita da História.Representações de negros na pintura de gênero.. 2014. (Seminário).

15.
IV Seminário Interno do Laboratório de História da Arte.Os gêneros da pintura no acervo do Museu Mariano Procópio (Catálogo da Exposição do MMP na Pinacoteca do Estado de São Paulo).. 2014. (Seminário).

16.
VII Colóquio História e Arte. Objetos do olhar..Arte e sociabilidade: o leque de autógrafos da Viscondessa de Cavalcanti. 2014. (Seminário).

17.
V Seminário do Museu D. João VI. Coleções de arte: formação, exibição e ensino..Exercícios de desenho no acervo do Museu Mariano Procópio.. 2014. (Seminário).

18.
XXXIV Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Territórios da História da Arte.. A representação da vida moderna: "Jardin des plantes" de Jules Scalbert no acervo do Museu Mariano Procópio.. 2014. (Congresso).

19.
Encontro de História da Crítica de Arte..A pintura histórica e a crítica de arte no final do século XIX. 2013. (Encontro).

20.
Encontros com a Arte: do colonial ao contemporâneo.Representações do Brasil no salon de Paris de 1861.. 2013. (Outra).

21.
III Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF.Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes: temas e críticas. 2013. (Seminário).

22.
União e Indústria: uma estrada para o futuro- Legado e possibilidades........União e Indústria: uma estrada para o futuro- Legado e possibilidades.. 2013. (Seminário).

23.
XXXIII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. A Revolução Francesa no Chile e a pintura histórica de Raymond Monvoisin. 2013. (Congresso).

24.
II Colóquio de História e Imagem: diálogos visuais. Pintura Histórica do Século XIX: métodos de pesquisa. 2012. (Congresso).

25.
II Colóquio Internacional de História da Arte e da Cultura. A história do Brasil apresentada por Antônio Firmino Monteiro na Exposição Geral da Academia de Belas Artes de 1884.. 2012. (Congresso).

26.
III Colóquio de Estudos Sobre a Arte Brasileira do Século XIX - intercâmbios culturais entre Brasil e Portugal..A América portuguesa representada nas Exposições Gerais de Belas Artes oitocentistas. 2012. (Encontro).

27.
III Seminário do Museu D. João VI.Representações da expulsão dos holandeses nas Exposições Gerais da Acedemia Imperial das Belas Artes.. 2012. (Seminário).

28.
II Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF.A Pintura Histórica no Brasil. 2012. (Seminário).

29.
VI Jornadas de Historia del Arte de Valparaíso (Chile).Os grandes ícones da pintura histórica brasileira executados em Florença por Pedro Americo.. 2012. (Outra).

30.
VI Simpósio Nacional de História Cultural.Representações das revoltas coloniais nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes.. 2012. (Simpósio).

31.
XXXII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Pintura histórica nas Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes. 2012. (Congresso).

32.
Encontro Coleções e Museus de Arte.Histórias do Brasil no Museu Mariano Procópio: especificidades de uma coleção. 2011. (Encontro).

33.
II Seminário do Museu D. João VI.Cenas familiares na pintura de Maria Pardos na década de 1910.. 2011. (Seminário).

34.
I Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF.História da Arte: pesquisas em andamento. 2011. (Seminário).

35.
IV Colóquio História e Arte - Imagem e memória. Mulheres cativas na pintura de Raymond Monvoisin. 2011. (Congresso).

36.
VI Congreso Internacional de Teoría e Historia de las Artes. XIV Jornadas CAIA. A função da pintura histórica na América Latina e a autonomia da arte no século XIX.. 2011. (Congresso).

37.
VI Seminário Arte, Cultura e a Fotografia: Espelho do outro, espelho de si..Indianismo na década de 1860: exposições e crítica de arte.. 2011. (Seminário).

38.
XXVIII Semana de História - Genocídios, massacres e nacionalismo.Índio e morte na pintura histórica oitocentista latino americana.. 2011. (Seminário).

39.
1810-1910-2010: Independencias dependientes - Independências dependentes - Bedingte Unabhängigkeiten. La pintura de historia en la América Latina del siglo XIX: elementos para un estudio comparado.. 2010. (Congresso).

40.
II Colóquio nacional de estudos sobre arte brasileira do século XIX.A violência como elemento distintivo entre a representação do índio no Brasil e México no século XIX.. 2010. (Outra).

41.
II Seminário de Graduandos e Pós-Graduandos em História_UFJF.História da Arte e Representações. 2010. (Seminário).

42.
I Seminário do Museu D. João VI. 2010. (Seminário).

43.
VI Encontro de História da Arte IFCH UNICAMP.Monvoisin no salon de 1859: índios, mestiçagem e pessimismo. 2010. (Encontro).

44.
XXX Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte.Heróis imóveis na pintura indigenista da América Latina. 2010. (Outra).

45.
53 Congreso Internacional de Americanistas (ICA 2009). A pintura de história no Brasil: contrastes e convergências com a América hispânica. 2009. (Congresso).

46.
Aula Inaugural - mestrado em História da UFSJ.Quando a pintura desconstrói o herói: "Tiradentes esquartejado" de Pedro Americo.. 2008. (Outra).

47.
I Colóquio Nacional de Estudos sobre Arte Brasileira do Século XIX.. A recusa ao corpo fragmentado: a recepção de. 2008. (Congresso).

48.
IV Encontro de História da Arte IFCH UNICAMP.A representação da mulher negra no Brasil pós-abolição: estudo de uma tela de Armando Vianna.. 2008. (Encontro).

49.
XV CONGRESO INTERNACIONAL DE AHILA (Asociación de Historiadores Latinoamericanistas Europeos). A pintura de história no Brasil: a importância de estudos comparativos. 2008. (Congresso).

50.
XVI Encontro Regional de História.Comunicação. 2008. (Encontro).

51.
XXVIII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte. Algumas questões sobre a representação do negro na arte brasileira nos anos de 1920.. 2008. (Congresso).

52.
Aula inaugural - IFCH-UNICAMP.Pintura, história e heróis. 2007. (Outra).

53.
III Encontro de História da Arte - IFCH - UNICAMP.A pintura e o gênero históricos no acervo do Museu Mariano Procópio. 2007. (Encontro).

54.
IV Congreso Internacional de Teoria e Historia de las Artes (XI Jornadas del CAIA). A recusa ao herói despedaçado: o esquecimento do quadro "Tiradentes esquartejado", de Pedro Américo. 2007. (Congresso).

55.
XXVII Colóquio do Comitê Brasileiro de História da Arte.Diálogos da história da arte: as apropriações na pintura histórica. 2007. (Outra).

56.
5e Congrès International du GRIMH (Groupe de Réflexion sur l'Image dans le Monde Hispanique). Le démembrement du corps par le pouvoir: Pedro Americo et Goya. 2006. (Congresso).

57.
Encontro do Comitê Brasileiro de História da Arte.?Tiradente esquartejado?: a fragilidade do herói no ocaso da pintura de história. 2006. (Encontro).

58.
II Encontro de História da Arte - IFCH UNICAMP.A narrativa de Pedro Americo sobre a Conjuração Mineira. 2006. (Encontro).

59.
XII Encontro regional de História ANPUH-RJ.Algumas interrogações sobre a pintura histórica brasileira.. 2006. (Encontro).

60.
XV Encontro Regional de História - ANPUH-MG.Tomás Antônio Gonzaga na narrativa pictórica de Pedro Américo sobre a Conjuração Mineira. 2006. (Encontro).

61.
III Congreso Internacional de Teoria e Historia de las Artes (XI Jornadas del Centro Argentino de Investigadores de Arte - CAIA). A pintura histórica brasileira no século XIX: incorporação e subversão de imagens. 2005. (Congresso).

62.
Semana de História 2005 - História e novas fontes (UFJF).Apropriações da pintura histórica brasileira do século XIX. 2005. (Outra).

63.
VI Encontro Regional Sudeste de História Oral: História, cultura e poder..História Oral e Narrativas Musicais. 2005. (Encontro).

64.
I Encontro de História da Arte - IFCH UNICAMP.Os Bandeirantes, de Henrique Bernardelli.. 2004. (Encontro).

65.
XXII Colóquio brasileiro de história da arte do Comitê Brasileiro de História da Arte. Bandeirantes ao chão: diálogos de Henrique Bernardelli.. 2003. (Congresso).

66.
XI Encontro da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas - ANPAP.Rodolpho Amoêdo e a iconografia bandeirante. 2001. (Encontro).

67.
XII Encontro Regional da Associação Nacional de História - ANPUH-MG.Fotógrafos, pintores e litógrafos. O mercado de trabalho em Juiz de Fora no século XIX. 2000. (Encontro).

68.
X Encontro Nacional da Associação Nacional de Pesquisadores em Artes Plásticas - ANPAP..Affonso Taunay e Henrique Bernardelli, os limites da relação entre o encomendante e o artista.. 1999. (Encontro).

69.
Simpósio anual da Comissão de Estudos de História da Igreja Latino-Americana - CEHILA.A religiosidade no barroco mineiro. 1998. (Simpósio).

70.
4º Encontro do Mestrado em História da Arte. EBA-UFRJ.Entre o rural e o urbano: as paisagens de Minas. 1996. (Encontro).

71.
Seminário 180 Anos de criação da Escola de Belas Artes - UFRJ.AIBA/ENBA e a arte mineira: entre a afirmação e a dissidência (1880-1944). 1996. (Seminário).

72.
X Encontro Regional de História - ANPUH-MG.A produção do campo simbólico: o fazer artístico da Mata Mineira. 1996. (Encontro).

73.
3º Encontro do mestrado em História da Arte. EBA-UFRJ.As artes plásticas na cidade de Juiz de Fora (MG), nos anos 60 e 70: da maturidade figurativa à busca de novas linguagens. 1995. (Encontro).

74.
História Regional: a Zona da Mata de Minas Gerais.Modernismo e vanguarda: os olhares artísticos de Minas. 1995. (Outra).

75.
I Encontro dos cursos de História de Minas Gerais - Faculdades Integradas Newton Paiva.A Atuação do Núcleo de História Regional do Departamento de História da UFJF.. 1995. (Encontro).

76.
II Congresso de Ciências Humanas, Letras e Artes de Minas Gerais. O sistema das artes plásticas no Brasil e a integração de áreas periféricas: Juiz de Fora - MG.. 1995. (Congresso).

77.
XVIII Simpósio Nacional de História - ANPUH.Juiz de Fora: cafeicultura e arte na Belle-Époque. 1995. (Simpósio).

78.
IX Encontro Regional da Associação Nacional de História - ANPUH-MG.História da pintura em Juiz de Fora - Século XX. 1994. (Encontro).

79.
IX Encontro Regional da Associação Nacional de História - ANPUH-MG..História e linguagens. 1994. (Encontro).

80.
Seminário: A universidade, a cidade e a região.A universidade, a cidade e a região. 1994. (Seminário).

81.
XVII Colóquio Brasileiro de História da Arte, do Comitê Brasileiro de História da Arte.História das artes plásticas em Minas Gerais: Juiz de Fora. 1994. (Outra).

82.
I Congresso de Ciências Humanas, Letras e Artes de Minas Gerais. O ensino da História Regional no 1º grau: Projeto piloto sobre a História de Juiz de Fora.. 1993. (Congresso).

83.
VI Congresso Internacional de Cultura e Literatura Hispano-Americana - UFJF. A pintura histórica na América Latina. 1993. (Congresso).

84.
VII Encontro Regional da Associação Nacional dos Professores Universitários de História - ANPUH-MG.O ensino da História e a formação do pesquisador. 1991. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CHRISTO, M. C. V.. VIII Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF, 2018. 2018. (Congresso).

2.
CHRISTO, M. C. V.. VII Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF, 2017. 2017. (Congresso).

3.
CHRISTO, M. C. V.. VI Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF, 2016. 2016. (Congresso).

4.
CHRISTO, M. C. V.; VIEIRA, S. M. . V Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF, 2015. 2015. (Congresso).

5.
CHRISTO, M. C. V.. III Colóquio Internacional de História da Arte e da Cultura. 2014. (Congresso).

6.
CHRISTO, M. C. V.. IV Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF. 2014. (Congresso).

7.
CHRISTO, M. C. V.. Limites e perspectivas da história da arte do século XIX (XXXIV - Colóquio do CBHA). 2014. (Congresso).

8.
CHRISTO, M. C. V.. III Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF. 2013. (Congresso).

9.
CHRISTO, M. C. V.. II Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF. 2012. (Congresso).

10.
CHRISTO, M. C. V.; FONSECA, S.M. ; MENESES, P. D. ; PIFANO, R. Q. . II Colóquio Internacional de História da Arte e da Cultura: O Artista e a Sociedade.. 2012. (Congresso).

11.
CHRISTO, M. C. V.. I Seminário Interno do Laboratório de História da Arte da UFJF. 2011. (Congresso).

12.
CHRISTO, M. C. V.. IX Encontro Regional da Associação Nacional de História - ANPUH-MG.. 1994. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Aline Medeiros Vasconcellos. Hipólito Boaventura Caron: trajetória e reconhecimento do pintor oitocentista na história da arte. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

2.
Caroline Farias Alves. Arte, gênero e sociabilidade: o retrato de Nair de Teffé por Georgina de Albuquerque. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

3.
Álvaro Saluan da Cunha. LITOGRAFIAS DA COLEÇÃO ?QUADROS HISTORICOS DA GUERRA DO PARAGUAY?: projeto editorial e imagens (década de 1870). Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

4.
Rafael Madeira Gonçalves Manço. TRADUZINDO A ARTE ANTROPOFÁGICA DE GLAUCO RODRIGUES (1979). Início: 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Aline Viana Tomé. O olhar estrangeiro da paisagem carioca na obra de Gustavo Giovanni Dall?Ara (1865-1923).. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

2.
Valeria Mendes Fasolato. A CATALOGAÇÃO DA PRODUÇÃO ARTÍSTICA DE MARIA PARDOS. Início: 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Leonardo Campos Gomes. Artistas-viajantes nas terras brasileiras (1808-1888).. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

2.
Paulo Roberto Franco Ferreira. A pintura Tiradentes (1949), da artista Regina Vianna Veiga. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Leonardo Campos Gomes. Pintura histórica comparada ? América Latina e EUA. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

2.
Igor Garcia de Oliveira. Pintura histórica comparada ? América Latina e EUA. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
Paulo Roberto Franco Ferreira. Monitoria. Início: 2018. Orientação de outra natureza. Universidade Federal de Juiz de Fora. Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

2.
Julia Da Gama Fernandes. Do museu para a universidade, da universidade para o mundo: o acervo do Museu Mariano Procópio em vídeo. Início: 2017. Orientação de outra natureza. Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).

3.
LAÍZA DE OLIVEIRA RODRIGUES. Do museu para a universidade, da universidade para o mundo: o acervo do Museu Mariano Procópio em vídeo.. Início: 2017. Orientação de outra natureza. Universidade Federal de Juiz de Fora. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
João Victor Rossetti Brancato. A crítica de arte de Adalberto Mattos (1888-1966): Princípios, referências e juízos sobre a pintura. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

2.
BÁRBARA FERREIRA FERNANDES. DO JURAMENTO DA PRINCESA AO MUSEU IMPERIAL: A TRAJETÓRIA DE UMA OBRA E SUA INSERÇÃO NO PROJETO POLÍTICO DO ESTADO. 2018. Dissertação (Mestrado em Matemática) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

3.
Aline Viana Tomé. Representação da cidade do Rio de Janeiro na obra de Eliseu d?Ângelo Visconti (1866-1944).. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

4.
Amanda Tostes Capichoni. Arrufos ou adultério: Debates sobre uma tela de Belmiro de Almeida. 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

5.
Giovana Loos Moreira. A construção da História Nacional pelo pintor Firmino Monteiro entre 1879 e 1884. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

6.
Julliana Garcia Neves. Entre a memória da Monarquia e a Construção da República: A dinâmica simbólica de transformações e resistências presente na trajetória do ?Retrato de Pedro II? do Museu Mariano Procópio.. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

7.
Mariana Guimarães Chaves. A proteção às artes: um olhar sobre o mecenato artístico no Segundo Reinado (1841-1889). 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

8.
Rhuan Fernandes Gomes. A recepção da pintura do ?Grão Vasco? na escrita da história de Luís Reis-Santos (1946-1962). 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

9.
VALÉRIA MENDES FASOLATO. REPRESENTAÇÕES DE INFÂNCIA NA PINTURA DE MARIA PARDOS. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

10.
Samuel Mendes Vieira. À FLOR DA PELE: AMUADA DE BELMIRO DE ALMEIDA E A PINTURA NA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX.. 2014. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

11.
Patricia Herrera Styles. Imagen, imaginario y nación: Nosotros y los otros en la obra de Pedro Lira y Víctor Meirelles de Lima.. 2013. Dissertação (Mestrado em MAGISTER EN ESTUDIOS LATINOAMERICANOS) - Universidad de Chile, . Coorientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

12.
HUDSON LUCAS MARQUES MARTINS. O MESTRE PINTOR: A TRAJETÓRIA DE JOÃO NEPOMUCENO CORREA CASTRO.& A ARTE DA PINTURA EM MINAS GERAIS NO SÉCULO XVIII E XIX.. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

13.
Ligia Maria Alves de Lacerda. PIETRO BIANCOVILLI: A IMAGEM DA INDUSTRIALIZAÇÃO NO ÁLBUM DE LITOGRAFIAS DO MUSEU MARIANO PROCÓPIO (1888-1914). 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

14.
Francislei Lima da Silva. A Europa Brasileira. Embelezamento, melhoramentos e intervenções urbanísticas na estância balneária de Águas Virtuosas do Lambari em finais do século XIX e início do XX. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

15.
ANGELITA MARIA ROCHA FERRARI DA COSTA. O Colecionismo no Brasil:A coleção de telas em miniatura da Viscondessa de Cavalcanti.. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

16.
Paula Ferrari. Manoel Araújo Porto-alegre, reflexões sobre o historiador. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

17.
Rogério Rezende Pinto. Alfredo Ferreira Lage, suas coleções e a constituição do Museu Mariano Procópio - Juiz de Fora, MG. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

18.
Maíra Carvalho Carneiro Silva. Lugar de trabalhador é na área de serviço: moradia popular em Juiz de Fora (1892-1930).. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

19.
Cleyton Souza Barros. O fantástico mundo da eletricidade: luz, telégrafo, bonde elétrico, telefone. Da utilidade prática à simbólica dos elementos da modernidade na cidade de Juiz de Fora (1889-1914). 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

20.
Erick de Oliveira Vidal. As Capas da Bossa Nova: Encontros e desencontros dessa História visual (LPs da Elenco, 1963).. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, . Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

Tese de doutorado
1.
Rosane Carmanini Ferraz. A formação da coleção de fotografias oitocentistas no acervo do Museu Mariano Procópio,. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

2.
Rogéria Olímpio dos Santos. A falência do antigo: um estudo das causas do declínio de Francisco de Holanda no cenário português do século XVI.. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Sônia Maria Fonseca. 2011. Universidade Federal de Juiz de Fora, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Maraliz de Castro Vieira Christo.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Valéria L. Ferenzini. Imigrantes italianos e a igreja Católica em Juiz de Fora (1889-1900). 1998. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

2.
Laura Valéria Pinto Ferreira. Médicos sanitaristas e urbanização em Juiz de Fora. 1998. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

3.
Natânia Aparecida da Silva Nogueira. O Ginásio Leopoldinense: mito político e formação de elites na zona da Mata (1906-1930). 1996. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

4.
Mary de Fátima Castro Lopes. O Colégio Granbery (1920-1930). 1996. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

5.
Sandra Maria Ferreira de Souza. A arquitetura moderna em Cataguases. 1996. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

6.
Maria Angela de Oliveira. A pintura mural em Cataguases. 1996. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em História do Brasil) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Álvaro Aleixo Martins Capute. Pintura de temática religiosa: uma abordagem introdutória a partir das Exposições Gerais da Academia Imperial de Belas Artes ? 1840 e 1884. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Interdisciplinar em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

2.
Caroline Farias Alves. Arte, gênero e sociabilidade: o retrato de Nair de Teffé por Georgina de Albuquerque. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

3.
Eduardo de Paula Machado. A construção de uma memória familiar no Museu Mariano Procópio: O mausoléu da família Ferreira Lage. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

4.
Gabriella Oliveira Araujo. LE DERNIER PORTRAIT DU EMPEREUR DOM PEDRO II Uma análise iconográfica e iconológica. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

5.
RITA DE CÁSSIA MARIN ALMEIDA. PINTURA HISTÓRICA E SUA FUNÇÃO PEDAGÓGICA NA ESCOLA NORMAL DE JUIZ DE FORA (MG) DO SÉCULO XIX PARA OS DIAS ATUAIS. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

6.
Thiago de Paula Carvalho. ?Os Inconfidentes? de Antônio Parreiras: Da paisagem a História.. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

7.
Bárbara Ferreira Fernandes. O Juramento da Princesa Isabel e sua inserção na história da arte. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

8.
João Victor Rossetti Brancato. A crítica de Artes Visuais e a Modernidade no Rio de Janeiro: a produção de Adalberto Mattos na Revista Illustração Brasileira na década de 20. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

9.
Álvaro Saluan da Cunha. Rendição de Uruguaiana : Análise do vencedor e do vencido. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

10.
CAROLINA MARTINS SAPORETTI. GERALDA ARMOND E O CONTEXTO DA DITADURA MILITAR: A CRIAÇÃO DA SALA GENERAL MOURÃO FILHO NO MUSEU MARIANO PROCÓPIO.. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

11.
Amanda Tostes Capichoni. ?Arrufos? e ?Conciliadora?: homens e mulheres nas pinturas de gênero entre o XIX-XX. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

12.
Giovana Loos Moreira. A atuação de Antônio Firmino Monteiro na Exposição Geral de Belas Artes em 1884.. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

13.
Serzenando Alves Vieira Neto. Aby Warburg e a tese sobre o Nascimento de Vênus e Primavera.. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

14.
Leandro Graciosa de Almeida e Silva. Alegorias no Cemitério Velho - Cemitério Municipal de Juiz de Fora. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

15.
Humberto Ferreira Silva. Memorial da força expedicionária brasileira: uma face da glória. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

16.
Maysa Huller Viana da Silveira. Arte funerária em Juiz de Fora: as representações e simbologias da morte no Cemitério Municipal de Juiz de Fora - 1890 a 1930. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

17.
Luciana Reibolt Costa. Juramentos Constitucionais na arte brasileira:. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

18.
Alessandra Cristina Zanetti. TURISMO E MUSEUS: RELAÇÕES POSSÍVEIS. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Turismo) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

19.
Graziely Rezende da Silva. Representação da Batalha do Riachuelo na pintura brasileira. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

20.
Leonardo Batista Pereira. Caminhos históricos de um acervo: uma análise do arquivo Escola de Engenharia de Juiz de Fora. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

21.
Elza Regina Cisne Lemos. Alegorias no acervo do Museu Mariano Procópio. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

22.
Mariza D'Agosto. Cincinato Duque Bicalho e a memória musical da cidade de Juiz de Fora. 1999. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

23.
C.T.OLIVEIRA. Uma contribuição à identidade cultural pictórica da cidade de Juiz de Fora: a arte decorativa de Angelo Bigi.. 1998. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

24.
Simone Villanova. A História vista através dos móveis portugueses: Museu Mariano Procópio. 1996. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

25.
Renata Rodrigues de Assis. A litografia no Brasil no século XIX. 1995. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

26.
Laura Valéria Pinto Ferreira. A sociedade de Juiz de Fora através do estudo de sua arte e arquitetura: 1940/1960. 1995. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

Iniciação científica
1.
VITÓRIA DOS SANTOS ACERBI. MUSEU MARIANO PROCÓPIO: ARTE EUROPEIA PROVENIENTE DA COLEÇÃO DA VISCONDESSA DE CAVALCANTI.. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

2.
Thalita Moreira Barbosa. ARTE E SOCIABILIDADE: O LEQUE DE AUTÓGRAFOS (1889-1946) DA VISCONDESSA DE CAVALCANTI.. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

3.
ALINE MEDEIROS DE VASCONCELLOS. MUSEU MARIANO PROCÓPIO: ARTE EUROPEIA PROVENIENTE DA COLEÇÃO DA VISCONDESSA DE CAVALCANTI.. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

4.
BÁRBARA SILVA BORGES. MUSEU MARIANO PROCÓPIO: ARTE EUROPEIA PROVENIENTE DA COLEÇÃO DA VISCONDESSA DE CAVALCANTI.. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

5.
IGOR DIAS DOMINGUES DE SOUZA. ARTE E SOCIABILIDADE: O LEQUE DE AUTÓGRAFOS (1889-1946) DA VISCONDESSA DE CAVALCANTI [SEGUNDA ETAPA]. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

6.
Barbara Borges. A historiografia da arte no Brasil: Jorge Coli. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

7.
CAROLINE FARIAS ALVES. ARTE E SOCIABILIDADE: O LEQUE DE AUTÓGRAFOS (1889-1946) DA VISCONDESSA DE CAVALCANTI.. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

8.
Caroline Farias Alves. PINTURA HISTÓRICA BRASILEIRA NO SÉC. XIX: TEMAS E FONTES (IMPÉRIO). 2014. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

9.
Jéssica Costa Prazeres. PINTURA HISTÓRICA BRASILEIRA NO SÉC. XIX: TEMAS E FONTES (IMPÉRIO). 2014. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

10.
João Victor Rossetti Brancato. PINTURA HISTÓRICA BRASILEIRA NO SÉC. XIX: RECEPÇÃO PELA CRÍTICA DE ARTE.. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

11.
Dayana Oliveira. PINTURA HISTÓRICA BRASILEIRA NO SÉC. XIX: RECEPÇÃO PELA CRÍTICA DE ARTE.. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

12.
Amanda Tostes Capichoni. PINTURA HISTÓRICA BRASILEIRA NO SÉC. XIX: TEMAS E FONTES. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

13.
Ramon Cleires Jardim Ferreira. PINTURA HISTÓRICA BRASILEIRA NO SÉC. XIX: TEMAS E FONTES. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

14.
Bárbara Ferreira Fernandes. PINTURA HISTÓRICA BRASILEIRA NO SÉC. XIX: RECEPÇÃO PELA CRÍTICA DE ARTE.. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

15.
Thalles do Nascimento Castro. Pintura histórica brasileira e latino-americana no Salon de Paris de 1861 a 1900.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

16.
Mariana Guimarães Chaves. Pintura histórica brasileira e latino-americana no Salon de Paris de 1861 a 1900.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

17.
Jéssica Costa Prazeres. Pintura de História nas Exposições Gerais da Academia Imperial e da Escola Nacional de Belas Artes de 1840 a 1933.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

18.
Felipe da Silva Corrêa. Pintura de História nas Exposições Gerais da Academia Imperial e da Escola Nacional de Belas Artes de 1840 a 1933.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado interdiciplinar em artes e design) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

19.
Mariana Guimarães Chaves. A Pintura de História Brasileira nas Exposições Internacionais de 1861 a 1933.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

20.
Giovana Loos Moreira. PINTURA DE HISTÓRIA NAS EXPOSIÇÕES GERAIS DA ACADEMIA IMPERIAL E DA ESCOLA NACIONAL DE BELAS ARTES DE 1840 A 1933.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

21.
MAYSA HULLER VIANA DA SILVEIRA. Pintura de História nas Exposições Gerais da Academia Imperial e da Escola Nacional de Belas Artes de 1840 a 1933.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

22.
Graziely Rezende da Silva. A pintura de história no Brasil: Banco de dados. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

23.
Hugo Xavier Guarilha. Centro de Estudos Murilo Mendes: Pinacoteca (Banco de Dados). 2000. Iniciação Científica. (Graduando em Comunicação Social) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

24.
Márcia Santiago Cerutti. Centro de Estudos Murilo Mendes: Pinacoteca (Banco de Dados). 1999. Iniciação Científica. (Graduando em EDUCAÇÃO ARTÍSTICA) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

25.
Marco Antônio Lopes de Lima. A pintura em áreas cafeeiras: Juiz de Fora (MG) 1885-1930. 1998. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

26.
Rosane Carmanini Ferraz. A pintura em áreas cafeeiras: Juiz de Fora (MG), 1850-1930. 1998. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

27.
Eliana Machado Souza. História das Artes plásticas em Juiz de Fora: História oral - (transcrição de fitas). 1997. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

28.
Rosane Carmanini Ferraz. História das Artes plásticas em Juiz de Fora: História oral - (transcrição de fitas). 1997. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

29.
Sônali Mendonça Netto. História das Artes Plásticas em Juiz de Fora - coleta de dados.. 1994. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

30.
Renata Rodrigues de Assis. História das Artes Plásticas em Juiz de Fora - História oral (depoimentos).. 1994. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

31.
Patrícia Falco Genovez. História das Artes Plásticas em Juiz de Fora - coleta de dados. 1993. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

Orientações de outra natureza
1.
Carolina Munck Schaeffer. Monitoria na Disciplina Patrimônio Histórico I. 2017. Orientação de outra natureza. (Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

2.
Paulo Roberto Franco Ferreira. Monitoria na disciplina Patrimônio Histórico II. 2017. Orientação de outra natureza. (Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

3.
ALINE MEDEIROS DE VASCONCELLOS. Monitoria em Patrimônio Histórico II. 2016. Orientação de outra natureza. (Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

4.
Humberto Ferreira Silva. Estágio docência na disciplina Patrimônio Histórico II. 2016. Orientação de outra natureza. (Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

5.
VITÓRIA DOS SANTOS ACERBI. Monitoria na disciplina Patrimônio Histórico II. 2016. Orientação de outra natureza. (História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

6.
MARIANNE RIBEIRO DE ALMEIDA. Monitoria na disciplina Patrimônio Histórico II. 2016. Orientação de outra natureza. (História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

7.
Jayne de Fátima Costa Santos. Monitoria em Patrimônio Histórico II. 2014. Orientação de outra natureza. (Abi - História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

8.
DANIELA DE MIRANDA DOS SANTOS. Monitoria em Patrimônio Histórico II. 2013. Orientação de outra natureza. (História) - Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.

9.
Amanda Tostes. Monitoria em Patrimônio Histórico II. 2012. Orientação de outra natureza. (Licenciatura Em História) - Universidade Federal de Juiz de Fora, Universidade Federal de Juiz de Fora. Orientador: Maraliz de Castro Vieira Christo.



Outras informações relevantes


Coordenadora do Laboratório de História da Arte da UFJF, a partir de 2011.
Membro do Comitê Brasileiro de História da Arte (CBHA), a partir de outubro de 2006, e do Conselho Científico do CBHA entre 2010 e 2011.
Membro do Conselho Editorial do Núcleo de Documentação Cultural da UFC/Instituto Frei Tito de Alencar (Coleção História Social)
Membro do Comitê Científico do I Encontro Internacional de Estudos da Imagem, promovido pelo Laboratório de Estudos dos Domínios da Imagem da Universidade Federal de Londrina, 2013.
Membro do Comitê Científico do VI Seminario do Museu D. João VI, 2015 e do X Seminário do Museu dom João VI, 2018.
Parecerista ad hoc da FAPESP desde 2006. Parecerista ad hoc do CNPq, desde 2010. Parecerista ad hoc da CAPES, desde 2011.

Capítulo de livro no prelo 
. CHRISTO, M. C. V. "Rejection of the Broken Hero: The Neglect of Pedro Americo?s Painting Tiradentes esquartejado.", In: GIUNTA, Andrea, VARGAS, Luis (orgs.). History's Bodies. Nation, Gender and Race in Nineteenth-Century Latin American Art: A Reader. Durham, NC: Duke University Press, forthcoming (EUA), 
. CHRISTO, M. C. V. ?Cultura clássica entre jabuticabeiras: esculturas no jardim do Museu Mariano Procópio.? FIGUINHA, M. ; MORENO, P. e MENESES, P. (org.); Usos e abusos da Arte. As funções da obra de arte da antiguidade aos dias atuais. Santos (SP): Leopoldianum.

Organização do Dossiê "Interfaces da arte no universo da história marítima e militar: estética, linguagens e representações", Revista Navigator, julho de 2019. (ISSN-0100-1248)

Participação catálogo exposição "Coleções em diálogo: Museu Histórico Nacional e Pinacoteca de São Paulo." (Pinacoteca SP)



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 13/11/2018 às 23:26:13