Miriam Dolhnikoff

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6801460391169350
  • Última atualização do currículo em 20/09/2018


possui graduação em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1986), mestrado em História Econômica pela Universidade de São Paulo (1993) e doutorado em História Econômica pela Universidade de São Paulo (2000). Atualmente é docente da Universidade de São Paulo e pesquisador do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil Império, atuando principalmente nos seguintes temas: representação política, organização institucional do Estado, parlamento. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Miriam Dolhnikoff
Nome em citações bibliográficas
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas.
cidade universitária
Butantã
Sao Paulo, SP - Brasil
URL da Homepage: http://


Formação acadêmica/titulação


1994 - 2000
Doutorado em História Econômica.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Construindo o Brasil: unidade nacional e pacto federativo nos projetos das elites (1820-1842), Ano de obtenção: 2000.
Orientador: Vera Lúcia do Amaral Ferlini.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Império; José Bonifácio; liberais paulistas; reformas liberais.
Grande área: Ciências Humanas
Setores de atividade: Outros Setores.
1988 - 1993
Mestrado em História Econômica.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Caminhos da conciliação: o poder provincial em São Paulo,Ano de Obtenção: 1993.
Orientador: Vera Lúcia do Amaral Ferlini.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: ato adicional; Império; São Paulo.
Grande área: Ciências Humanas
Setores de atividade: Outros Setores.
1983 - 1986
Graduação em História.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.


Pós-doutorado


2001 - 2003
Pós-Doutorado.
Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, CEBRAP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Docente, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2007 - Atual
Ensino, História Social, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
O Império Negociado
08/2003 - Atual
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da política externa brasileira
05/2003 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

05/2003 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História do Brasil Independente

Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, CEBRAP, Brasil.
Vínculo institucional

1990 - 2003
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: pesquisador, Carga horária: 20

Atividades

4/1998 - 3/2000
Pesquisa e desenvolvimento , Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, .



Linhas de pesquisa


1.
História do Brasil no século XIX

Objetivo: Estudar a história política brasileira do século XIX..
Grande área: Ciências Humanas
Palavras-chave: História do Brasil; Império; ato adicional; Estado; federalismo.
2.
A construção do Estado brasileiro no século XIX


Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Governo representativo e legislação eleitoral no Brasil
Descrição: O objetivo da pesquisa é analisar os debates sobre as reformas eleitorais no século XIX no parlamento e na imprensa de modo a investigar o funcionamento da monarquia constitucional brasileira a partir de um de seus pilares: as eleições..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - Atual
O Império negociado: representação política e institucionalização dos poderes no Estado brasileiro do século XIX
Descrição: Analisar o Estado brasileiro do século XIX do ponto de vista da sua organização institucional. Esta análise tem por escopo o funcionamento do regime, tendo em vista a as formas de representação, as diferentes instâncias e expressões do poder judiciário e, finalmente, os espaços de contestação.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (12) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Miriam Dolhnikoff - Coordenador / Monica Dantas - Integrante.Número de orientações: 4
2006 - Atual
Representação política no império
Descrição: Analisar o governo representativo no império, com foco np debate e na legislação eleitoral, de um lado, e nas relações de representação com setores provinciais de outro.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (3) .
Integrantes: Miriam Dolhnikoff - Coordenador.Número de orientações: 4
2004 - 2009
Projeto temático: a fundação do Estado e da nação brasileiros
Descrição: Pesquisadora do Projeto Temático financiado pela FAPESP e coordenado pelo Prof. István Jancsó.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (25) / Mestrado acadêmico: (10) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Miriam Dolhnikoff - Integrante / István Jancsó - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
1998 - 2002
Medindo a crise do império: os recenseamentos de 1872 e 1890
Descrição: O presente projeto tem por objetivo digitar e consolidar os resultados dos recenseamentos gerais de 1872 e 1890, para torná-los disponíveis aos pesquisadores em CD-ROM (acompanhados de mapas e textos sobre a história destes censos), já que atualmente podem ser encontrados apenas na sua versão original, não consolidada e sujeita a erros, no acervo do IBGE.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Miriam Dolhnikoff - Integrante / Pedro Puntoni - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.


Membro de corpo editorial


2005 - 2008
Periódico: Almanack Braziliense
2001 - Atual
Periódico: Novos Estudos. CEBRAP


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Império.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2000
Menção honrosa do Prêmio Oliveira Martins, na categoria ensaio, União Brasileira de Escritores (UBE).


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM2017DOLHNIKOFF, MIRIAM. Governo representativo e eleições no século XIX. REVISTA DO INSTITUTO HISTÓRICO E GEOGRAPHICO BRAZILEIRO, v. 474, p. 15-46, 2017.

2.
DOLHNIKOFF, MIRIAM2014 DOLHNIKOFF, MIRIAM. Governo representativo e legislação eleitoral no Brasil do Século XIX. Journal of Iberian and Latin American Research, v. 20, p. 66-82, 2014.

3.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2009DOLHNIKOFF, M.. representação na monarquia brasileira. Almanack Braziliense (Online), v. 9, p. 41-53, 2009.

4.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2008 DOLHNIKOFF, M.. Império e governo representativo: uma releitura. Caderno CRH (UFBA. Impresso), v. 21, p. 13-23, 2008.

5.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2007DOLHNIKOFF, M.. Os primeiros intérpretes da então jovem nação. Biblioteca Entre Livros, v. 8, p. 14-19, 2007.

6.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2006DOLHNIKOFF, M.. A forma do Brasil. Nossa História (São Paulo), Rio de Janeiro, n.32, p. 66-71, 2006.

7.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2004DOLHNIKOFF, M.. A regionalização do jogo político: elites e poder legislativo no Brasil do século XIX. Novos Estudos CEBRAP (Impresso), São Paulo, v. 70, p. 33-50, 2004.

8.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2004DOLHNIKOFF, M.. Crescimento econômico em São Paulo. Revista, São Paulo, v. 22, n.1, p. 28-37, 2004.

9.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2004DOLHNIKOFF, M.. Um padre no poder. Nossa História (São Paulo), Rio de Janeiro, v. 6, p. 72-75, 2004.

10.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2003DOLHNIKOFF, M.. O projeto político da elite paulista no século XIX. Voz Lusíada (São Paulo), v. 19/20, p. 231-256, 2003.

11.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM2003DOLHNIKOFF, M.. O lugar das elites regionais. Revista USP, São Paulo, v. 58, p. 116-133, 2003.

12.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM1996DOLHNIKOFF, M.. O projeto nacional de José Bonifácio. Novos Estudos. CEBRAP, São Paulo, v. 46, p. 121-142, 1996.

13.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM1996DOLHNIKOFF, M.. URSS, a ilusão dos intelectuais. Novos Estudos. CEBRAP, São Paulo, p. 200-204, 1996.

14.
DOLHNIKOFF, M.;DOLHNIKOFF, MIRIAM1990DOLHNIKOFF, M.. O poder provincial. Revista de História (USP), São Paulo, v. 122, p. 71-96, 1990.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
DOLHNIKOFF, M.. História do Brasil Império. 1. ed. São Paulo: Contexto, 2017. 176p .

2.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. 1964 Do golpe á democracia. 1. ed. São Paulo: Hedra, 2015. 417p .

3.
DOLHNIKOFF, M.. José Bonifácio de Andrada e Silva. 1a.. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2012. v. 1. 352p .

4.
DOLHNIKOFF, M.; CAMPOS, F. ; CLARO, R. . Ritmos da História. 3. ed. São Paulo: Escala, 2009. v. 4. 384p .

5.
DOLHNIKOFF, M.. Diogo Antônio Feijó´- Padre Regente. 1. ed. São Pauilo: Imprensa Oficial, 2006. v. 1. 60p .

6.
DOLHNIKOFF, M.. O pacto imperial: origens do federalismo no Brasil. 1a.. ed. São Paulo: Globo, 2005. v. 1. 336p .

7.
DOLHNIKOFF, M.. José Bonifácio de Andrada e Silva. Projetos para o Brasil. 1. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 1998. 371p .

8.
DOLHNIKOFF, M.; CAMPOS, F. . Atlas de História do Brasil. 1. ed. São Paulo: Scipione, 1993. v. 1. 80p .

Capítulos de livros publicados
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Representação e participação das elites provinciais e locais nas instituições da monarquia brasileira. In: Rui Ramos; José Murilo de Carvalho; Isabel Corrêa da Silva. (Org.). Dois países, um sistema. A monarquia constitucional dos Braganças em Portugal e no Brasil (1822-1910). 1ed.Alfragide: Publicações Dom Quixote, 2018, v. 1, p. 176-204.

2.
DOLHNIKOFF, M.. O chefe luso-brasileiro. In: Ernesto Castro Leal; José Pedro Zúquete. (Org.). Grandes chefes da história de Portugal. 1aed.Alfragide, Portugal: Texto, 2013, v. , p. 125-147.

3.
DOLHNIKOFF, M.; GREGORIO, Vitor ; Maia, Francisleide ; SAEZ, Hernan Lara ; SALES, Pedro Paulo Moreira . Representação Política no Império.Crítica à Idéia do Falseamento Institucional. In: Adrian Gurza Lavalle. (Org.). El horizonte de la política. Brasil y la agenda contemporánea de investigación en el debate internacional. 1a.ed.Cidade do México: CIESAS, 2011, v. , p. 125-166.

4.
DOLHNIKOFF, M.. O perfil do Estado brasileiro no século XIX. In: Frederico Lustosa da Costa e Fuad Zamot. (Org.). Brasil. 200 anos de Estado, 200 anos de administração pública. 1aed.Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, 2010, v. , p. 207-232.

5.
DOLHNIKOFF, M.. São Paulo na independência. In: István Jancsó. (Org.). Independência: história e historiografia. 1a.ed.São Paulo: Hucitec, 2005, v. , p. 557-575.

6.
DOLHNIKOFF, M.. Elites regionais e a construção do Estado nacional. In: István Jancsó. (Org.). Brasil: a formação do Estado e da nação (c.1770-1850). 1ed.São Paulo: Hucitec, 2003, v. , p. 431-468.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
DOLHNIKOFF, M.. Um padre no poder. Revista Nossa História, Rio de Janeiro, 01 abr. 2004.

2.
DOLHNIKOFF, M.. O frade erudito e rebelde. Folha de São Paulo, São Paulo, 08 abr. 2002.

3.
DOLHNIKOFF, M.. Nunes Machado. Coleção Caros Amigos: Rebeldes brasileiros, São Paulo, p. 15 - 23, 03 abr. 2002.

4.
DOLHNIKOFF, M.. Uma velha história. Folha de São Paulo, São Paulo, 11 mar. 2000.

5.
DOLHNIKOFF, M.. A civilização contra a sociedade. Revista Rumos, São Paulo, p. 11 - 19, 15 maio 1999.

6.
DOLHNIKOFF, M.. O fetiche da razão dissimula uma história moralista. Folha de São Paulo, São Paulo, 21 jul. 1990.

7.
DOLHNIKOFF, M.. Uma figura polêmica. Folha de São Paulo, São Paulo.

Outras produções bibliográficas
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Angela Alonso . Prefácio do livro 1964 Do golpe à democracia. São Paulo, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

2.
DOLHNIKOFF, M.. Prefácio. São Paulo, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

3.
DOLHNIKOFF, M.. Prefácio. São Paulo, 2012. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

4.
DOLHNIKOFF, M.. Prefácio. São Paulo, 2012. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

5.
DOLHNIKOFF, M.. Prefácio do livro: A Idéia de revolução no Brasil e outras idéias de Carlos Guilherme Mota. São Paulo: Globo, 2010 (Prefácio).

6.
DOLHNIKOFF, M.. Prefácio. São Paulo, 2008. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

7.
Puntoni, Pedro ; DOLHNIKOFF, M. . Os recenseamentos gerais no Brasil no século XIX: 1872 e 1890 - CD-ROM 2004 (CD-ROM).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer para Resgate: Revista Interdisciplinar de cultura. 2017.

2.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Revista Almanack. 2017.

3.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Parecer para revista BBS História e Economia. 2016.

4.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer de revista para scielo. 2016.

5.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer para revista Sociologia e Política. 2016.

6.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer para Fapesp. 2015.

7.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Parecer para revista Dados. 2014.

8.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer para Fapesp. 2014.

9.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer para CNPQ. 2014.

10.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Parecer para Revista de História. 2014.

11.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer para Fapesp. 2014.

12.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. parecer para Fapesp. 2013.

13.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Parecer para a revista Varia História. 2012.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Programa História. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; CAMPOS, F. ; CLARO, R. . Jogo da História nos dias de hoje. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Livro didático).

2.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. O governo representativo e a legislação eleitoral no Brasil do século XIX. 2015. (Relatório de pesquisa).

3.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. A legislação eleitoral no Brasil no século XIX. 2015. (Relatório de pesquisa).

4.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; CAMPOS, F. ; CLARO, R. . Ritmos da História. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Livro didático).

5.
DOLHNIKOFF, M.. O governo representativo em Portugal e no Brasil no século XIX. 2008. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; MARQUESE, R.; SALLES, R.; Tâmis Parron. Participação em banca de Bruno da Fonseca Miranda. O vale do Paraíba e a lei do Ventre Livre, 1865-1871. 2018. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

2.
DOLHNIKOFF, M.; Cícero Romão Resende de Araújo; Ivo Coser. Participação em banca de annah Maruci Aflalo. Voto, verdade e representação: reconstruindo os debates do código eleitoral de 1932. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

3.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Dantas, Monica; Lucília Santos Siqueira. Participação em banca de Jéssica Manfrim de Oliveira. Entre grandes e titulares: os padrões de nobilitação no Segundo Reinado. 2015. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

4.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Dantas, Monica; Silvana Mota Barbosa. Participação em banca de Filipe Nicoletti Ribeiro. Império das incertezas: política e partidos nas décadas finais da monarquia brasileira (1868-1889). 2015. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

5.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Lopes, José Reinaldo de Lima. Participação em banca de Rafael Issa Obeid. Os debates em torno do Estado confessional brasileiro no século XIX (1842-1889). 2013. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de São Paulo.

6.
DOLHNIKOFF, M.; Marc Hoffnagel; Susana Cavani Rosas. Participação em banca de Felipe Azevedo e Souza. Direitos políticos em depuração: a Lei Saraiva e o eleitorado do Recife entre as décadas de 1870 e 1880. 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Pernambuco.

7.
DOLHNIKOFF, M.; LISBOA, K.; GARRIDO, J. P. P.. Participação em banca de Flávia Florentino Varella. Da impossibilidade de se aprender com o passado: sentimento, comércio e escrita da história na História do Brasil de John Armitage. 2011. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

8.
DOLHNIKOFF, M.; Lima, Renato Sérgio de; Dantas, Monica. Participação em banca de Sandra Regina Pereira Ramos. A responsabilidade na construção do Estado monárquico constitucional. Brasil 1821-1828. 2011. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

9.
DOLHNIKOFF, M.; Lopes, José Reinaldo de Lima; Dantas, Monica. Participação em banca de Pedro Gustavo Aubert. Entre as idéias e a ação: O visconde de Uruguai, o direito e a política na consolidação do Estado nacional (1850-1866). 2011. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

10.
DOLHNIKOFF, M.; SALLES, R.; MARQUESE, R.. Participação em banca de Tâmis Peixoto Parron. A política da escravidão no império do Brasil. 2009. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

11.
DOLHNIKOFF, M.. Participação em banca de Nasthya Cristina Garcia Pereira. Relações homem-natureza: o discurso político sobre agricultura e extrativismo na província do Amazonas. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal do Amazonas.

12.
DOLHNIKOFF, M.; CLOCLET, A. R.; BERBEL, M.. Participação em banca de Marcus Caetano Domingos. D. hermógenes e a eleição para as cortes de Lisboa na comarca de Paracatu e na província de Minas Gerai, 1821-1822. 2007. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

13.
DOLHNIKOFF, M.; Puntoni, Pedro. Participação em banca de Fernanda Sposito. Nem cidadãos, nem brasileiros. 2006. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

14.
DOLHNIKOFF, M.. Participação em banca de Maria de Lourdes Fanaia Castrillon. O poder local na fronteira oeste do Brasil. 2006. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

15.
DOLHNIKOFF, M.; THOMAZ, O. R.; HERNANDEZ, L.. Participação em banca de Regina Célia Soares Claro. Letras negras em folhas brancas: a construção da nação em Angola por Assis jr. 2005. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

16.
DOLHNIKOFF, M.; FERLINI, V.. Participação em banca de José Evando Vieira de Melo. O engenho central de Lorena-modernização açucareira e colonização (1881-1901). 2004. Dissertação (Mestrado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

17.
DOLHNIKOFF, M.; FERLINI, V.; Wilson do Nascimento Barbosa. Participação em banca de Maurício Luiz C. B. de Almeida. O preço de um fracasso: a Companhia União e Indústria, a política e a economia no Império (1852-1872). 2002. Dissertação (Mestrado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

18.
DOLHNIKOFF, M.; FERLINI, V.; SAMARA, E. M.. Participação em banca de Paulo Cesar Gonçalves. Migração e mão-de-obra: retirantes cearenses na economia cafeeira do Centro-Sul (1877-1901). 2002. Dissertação (Mestrado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Dantas, Monica; Angela Alonso; Christian Lynch. Participação em banca de Bruno Fabris Estefanes. A muralha de bronze: a formação da Liga Progressista no Império do Brasil. 2018. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

2.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Dantas, Monica; Lilia Schwarcz; Lucia Guimarães; Gilberto Bercovici. Participação em banca de Júlio Cezar de Oliveira Velloso. Constituição e responsabilidade no Império do Brasil. 2017. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

3.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Dantas, Monica; Keila Grinberg; Gabriela Nunes Ferreira; Mary Anne Junqueira. Participação em banca de Pedro Gustavo Aubert. "Fazemo-nos fortes importantes e reconhecidos". O visconde do Uruguai e o direito das gentes. 2017. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

4.
DOLHNIKOFF, M.; Puntoni, Pedro; COSTA, W. P.; MARQUESE, R.. Participação em banca de Fernando Prestes de Souza. Pardos livres em um campo de tensões: milícia, trabalho e poder (São Paulo, 1797- 1831). 2017. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

5.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Paolo Ricci; Angela de Castro Gomes; Fernando Limongi; Rogério Schlegel. Participação em banca de Jaqueline Porto Zulini. Modos do bom governo na Primeira República. 2016. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

6.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Dantas, Monica; CARVALHO, M. J. M.; André Machado; Ernesto Sena. Participação em banca de André Nicacio Lima. Rusga: participação política, debate público e mobilizações armadas na periferia do Império (província do Mato Grosso 1821-1834). 2016. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

7.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Dantas, Monica; CARVALHO, M. J. M.; Ernesto Sena; Maria Luiza de Oliveira. Participação em banca de Flávia Maíra de Araújo Gonçalves. O sistema prisional no Império brasileiro. 2016. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

8.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; BERBEL, M.; OLIVEIRA, C. H. S.; Marisa Saens Leme. Participação em banca de Luis Henrique Junqueira de Almeida Rechdan. Constituição e responsabilidade: a articulação de mecanismos para controlar os atos ministeriais pela Assembleia Legislativa do Império do Brasil (1826-1829). 2016. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

9.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Alexandre Macchione Saes; COSTA, W. P.; Marcia Eckert Miranda; Luciana Suarez Lopes. Participação em banca de Vínicius de Bragança Muller e Oliveira. Autonomia regional e financiamento da educação básica: Pernambuco, São Paulo e Rio Grande do Sul (1850-19300. 2014. Tese (Doutorado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

10.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; Paulo Iumatti; Lucia Guimarães; Raquel Glezer; Temístocles Cezar. Participação em banca de Pedro Afonso Cristovão dos Santos. Cobiçando o Amazonas: erudição histórica e diplomacia na questão de limites entre Brasil e França no Segundo Reinado (1858-1863). 2014. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

11.
DOLHNIKOFF, M.; BASILE, M. O. N. C.; CARVALHO, M. J. M.; Dantas, Monica; BERBEL, M.. Participação em banca de Ariel Feldman. Espaço público e formação do Estado nacional brasileiro. A atuação política do Padre Carapuceiro (1822 a 1852). 2013. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

12.
DOLHNIKOFF, M.; Nunes, Gabriela Ferreira; Limongi, Fernando Papaterra; Nicolau, Jairo; Ricci, Paolo. Participação em banca de Sérgio Eduardo Ferraz. O Império revisitado. Instabilidade ministerial, Câmara dos deputados e Poder Moderador (1840-1889). 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

13.
DOLHNIKOFF, M.; FERLINI, V.; Hebe Mattos; Puntoni, Pedro. Participação em banca de Rosângela Ferreira Leite. Nos limites da colonização. Ocupação territorial, organização econômica e populações livres pobres (Guarapuava 1808-1878). 2006. Tese (Doutorado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

14.
DOLHNIKOFF, M.; NOVAIS, F.; OSORIO, L.; COSTA, W. P.. Participação em banca de Marcia Eckert Miranda. A Estalagem e o Império: crise do Antigo Regime, fiscalidade e fonteira na província de São Pedro (1808-1831). 2006. Tese (Doutorado em Economia Aplicada) - Universidade Estadual de Campinas.

15.
DOLHNIKOFF, M.; Antonio Penalves Rocha. Participação em banca de Adalton Franciozo Diniz. Centralização e apropriação da riqueza: análise das finanças do império brasileiro no período de 1830-1889. 2002. Tese (Doutorado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

16.
DOLHNIKOFF, M.; Vera Lúcia do Amaral Ferlini; Wilson do Nascimento Barbosa; John Schulz; Raquel Glezer. Participação em banca de Márcia Naomi Kuniochi. Crédito, Negócios e acumulação. Rio de Janeiro: 1844-1857. 2001. Tese (Doutorado em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Maria Odila Leite da Silva Dias. Participação em banca de Julio Cesar de Oliveira Vellozo. Paula Souza: direito, propriedade e liberdade no pensamento e ação de um liberal do Império (1791-1851). 2015. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

2.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Gabriela Nunes Ferreira. Participação em banca de Bruno Fabris Estefanes. A EXPERIÊNCIA PROGRESSISTA: PARTIDOS, ELEIÇÕES E POLÍTICA PÓS-CONCILIAÇÃO NO IMPÉRIO DO BRASIL (1859-1868). 2015. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

3.
DOLHNIKOFF, M.; BERBEL, M.; OLIVEIRA, C. H. S.. Participação em banca de Luis Henrique Junqueira de Almeida Rechdan. A articulação político-institucional de um monarca constitucional para o Império do Brasil (1826-1831). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

4.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; André Machado. Participação em banca de André Nicácio Lima. Rusga: formação do Estado, contestação armada e repressão em Mato Grosso (181-1840). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

5.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Maria Luiza de Oliveira. Participação em banca de Flávia Maíra de Araújo Gonçalves. O sistema prisional no Império brasileiro (1830-1888). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

6.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Gabriela Nunes Ferreira. Participação em banca de Pedro Gustave Aubert. Fazermo-nos fortes, importantes e conhecidos: o visconde do Uruguai e o direito das gentes na América (1850-1866). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

7.
DOLHNIKOFF, M.; BERBEL, M.; Dantas, Monica. Participação em banca de Ana Claudia de Aquino Garcia. As reformas fiscais do Império e seus reflexos na província de Goiás - 1834-1842.. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

8.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Maria Luiza de Oliveira. Participação em banca de Luis Martini Thiesen. Os rincões do poder - cargos, recursos públicos e a manutenção das hierarquias sociais. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

9.
DOLHNIKOFF, M.; BERBEL, M.; Denis Antonio Mendonça Bernardes. Participação em banca de Ariel Feldman. A atuação política do padre carapuceiro: espaço público e formação do Estado Nacional no Brasil (1822-1852). 2010. Exame de qualificação (Doutorando em História Social) - Universidade de São Paulo.

10.
DOLHNIKOFF, M.; Ricci, Paolo; Fernando Limongi. Participação em banca de Sérgio Eduardo Ferraz. O império revisitado. Instabilidade ministerial, Câmara dos Deputados e Poder Moderador. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

11.
DOLHNIKOFF, M.; FERLINI, V.; Puntoni, Pedro. Participação em banca de Rosângela Ferreira Leite. Nas malhas da pobreza: ocupação territorial, organização econômica e populações livres pobres nos sertões de Guarapuava (1812-1877). 2005. Exame de qualificação (Doutorando em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

12.
DOLHNIKOFF, M.; COSTA, W. P.; Ricardo Mariutti. Participação em banca de Marcia Eckert Miranda. A estalagem e o Império: a província do Rio Grande de São Pedro e o Estado brasileiro (1808-1831). 2005. Exame de qualificação (Doutorando em Economia Aplicada) - Universidade Estadual de Campinas.

Qualificações de Mestrado
1.
DOLHNIKOFF, M.; Eunice Ostrensky; Gabriela Nunes Ferreira. Participação em banca de Caio Cezar Cassorla Izaú. Desde a cabana até o palácio. Representação de minorias no século XIX. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

2.
DOLHNIKOFF, M.; FERLINI, V.; Luciana Suarez Lopes. Participação em banca de Eduardo Silva Ramos. centralização e privilégio: bancos, moedas e impostos na formação do Estado brasileiro (1824-1834). 2016. Exame de qualificação (Mestrando em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

3.
DOLHNIKOFF, M.; Rodrigo Ricupero. Participação em banca de Ronald León Nunez. El pensamiento politico e economico de José Gaspar Rodriguez de Francia: 1814-1840. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História Econômica) - Universidade de São Paulo.

4.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Gabriela Nunes Ferreira. Participação em banca de Leonardo dos Reis Gandia. Um general na política: Luis Alves de Lima e Silva e a consolidação do Estado imperial (1842-1862). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

5.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Angela Alonso. Participação em banca de Filipe Nicoletti Ribeiro. Império das incertezas: crise política e transformação do trabalho entre a monarquia e a república (1884- 1891). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

6.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Iris Kantor. Participação em banca de Jéssica Manfrin de Oliveira. Geografia da noblitação: a distribuição por províncias dos títulos de nobreza do Brasil imperial (1822- 1889). 2014. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

7.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Maria Odila Leite da Silva Dias. Participação em banca de Marina Garcia de Oliveira. O poder da distinção ou a distinção da recusa: renúncia e recusa de títulos nobiliárquicos no Império do Brasil (1822-1889). 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

8.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Bernardo Ricupero. Participação em banca de Priscila Rampin de Andrade. Um cronista na tribuna: Joaquim Manuel de Macedo imprensa e política na consolidação do Estado-nacional brasileiro. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

9.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Andrea Slemian. Participação em banca de Sandra Regina Pereira Ramos. A responsabilidade do Poder Judiciário na construção do Estado Monárquico Constitucional. Brasil (1823-1842). 2010. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

10.
DOLHNIKOFF, M.; Iris Kantor. Participação em banca de Leticia de Oliveira Raymundo. Legislar, Amalgamar, Civilizar: a mestiçagem em José Bonifácio de Andrada e Silva. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

11.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Maria Luiza de Oliveira. Participação em banca de Gilmar Paiva dos Santos Pozo. Imigrantes irlandeses no Rio de Janeiro: Cotidiano e Revolta no Primeiro Reinado. 2009. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.

12.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica; Maria Odila Leite da Silva Dias. Participação em banca de Bruno Fabris Estefanes. Conciliar o Império. Honório Hermeto Carneiro Leão e a consolidação do Estado nacional brasileiro (1842-1856). 2009. Exame de qualificação (Mestrando em História Social) - Universidade de São Paulo.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
História de São Paulo.A expansão econômica província de São Paulo e as lideranças nacionais paulistas. 2016. (Simpósio).

2.
Juridições, soberanias, administrações..Comentários na mesa Controle dos Territórios. 2016. (Simpósio).

3.
Post-Independences: Comparative perspectives 1770-1870. Political Institutions in Post-Independence Brazil. 2013. (Congresso).

4.
Seminário Estado e Administração: perspectivas de pesquisa. Monarquia constitucional e governo representativo no Brasil. 2012. (Congresso).

5.
XXIX Semana de história da Universidade Federal de Juiz de Fora. A monarquia constitucional brasileira e o modelo de governo representativo dos oitocentos. 2012. (Congresso).

6.
Conferência: o governo representativo no Brasil do século XIX.O governo representativo no Brasil do século XIX. 2011. (Seminário).

7.
I Semana Internacional de História da Amazônia Tocantina. O governo representativo no Brasil do século XIX. 2011. (Congresso).

8.
Seminário Cultura e Região.Elites políticas na monarquia. 2011. (Seminário).

9.
Conferência.O governo representativo no século XIX. 2010. (Seminário).

10.
Mesa redonda: soberania popular, cidadania e nação.Representação na monarquia brasileira. 2009. (Outra).

11.
1808: A corte no Brasil. Concepções de representação política. 2008. (Congresso).

12.
Brasil: 200 anos de Estado. O arranjo federativo monárquico. 2008. (Congresso).

13.
Conferência: A construção do Estado brasileiro no século XIX.A construção do Estado brasileiro no século XIX. 2008. (Outra).

14.
Simpósio de pós-graduação em história econômica.Diplomacia e acordos internacionais. 2008. (Simpósio).

15.
XIX Encontro regional da seção são paulo da anpuh.Um império negociado. 2008. (Encontro).

16.
Seminário internacional Brasil: de um império a outro (1750-1850).Comentadora - Manejos políticos da diversidade. 2005. (Seminário).

17.
Seminário internacional Independência do Brasil: História e Historiografia.São Paulo e a Independência. 2003. (Seminário).

18.
Educar na sociedade da informação.Capitanias, províncias, estados: centralismo e autonomia. 2001. (Outra).

19.
Seminário internacional Brasil: formação do Estado e da nação (c.1770-c.1850).Elites regionais e Estado no Império. 2001. (Seminário).

20.
Seminário Populações: (con)vivência e (in)tolerância.População e projeto nacional: o lugar do povo no pensamento político do século XIX. 2001. (Seminário).

21.
Experiências coloniais: convergências e divergências.Poder local e governo central no Império. 1999. (Seminário).

22.
Formação do pensamento nacional.José Bonifácio e a idéia de Brasil. 1998. (Simpósio).

23.
XIX Simpósio Nacional de História.José Bonifácio: Nação e modernidade. 1997. (Simpósio).

24.
IV Congresso Luso-afro-brasileiro de Ciências Sociais. O projeto nacional de José Bonifácio. 1996. (Congresso).

25.
XII Encontro de História.Caminhos da conciliação. O poder provincial em São Paulo (1835-1850). 1994. (Encontro).

26.
XVI Simpósio Nacional de História.A Construção da Imagem de São Paulo: História e Historiografia. 1991. (Simpósio).

27.
X Encontro de História.O Poder Provincial na Construção do Estado Brasileiro. 1990. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica . Simpósio temático: O império negociado. 2011. (Congresso).

2.
DOLHNIKOFF, M.; Dantas, Monica . Simpórsio temático: O IMPÉRIO NEGOCIADO: REPRESENTAÇÃO POLÍTICA E INSTITUCIONALIZAÇÃO DOS PODERES NO ESTADO BRASILEIRO DO SÉCULO XIX. 2008. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Rafael da Fonseca Tamae. A política externa do Brasil Império e a Guerra contra Oribe e Rosas: um estudo sobre o debate político na intervenção de 1851. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. (Orientador).

2.
Bruna de Oliveira da Silva. Lei do Ventre Livre: O debate no parlamento e na imprensa 1867-1871.. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Rodrigo Marzano Munari. O IMPÉRIO DAS URNAS: ELEIÇÕES, LEGISLAÇÃO ELEITORAL E ATIVIDADE POLÍTICO-PARTIDÁRIA NA PROVÍNCIA DE SÃO PAULO DA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX (1850-1885). Início: 2018. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Rodrigo Marzano Munari. Deputados e delegados do poder monárquico: eleições e dinâmica política na província de São Paulo (1840-1850). 2017. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

2.
Leandro Burgallo Paim. Cidadania e identidade nacional no Império: imprensa, romantismo e livros didáticos. 2011. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, . Orientador: Miriam Dolhnikoff.

3.
Tassia Toffoli Nunes. Imprensa e câmara dos deputados no século0 XIX. 2010. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

4.
Viviane Alves. As estradas gerais no Império. 2010. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

5.
Ana Paula Freitas. A política econômica do governo provincial de Minas Gerais. 2009. Dissertação (Mestrado em História Econômica) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

6.
Nilton Pereira dos Santos. A Fábrica de Ferro Ipanema. 2009. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, . Orientador: Miriam Dolhnikoff.

7.
Juliana Serzedelo. Identidades políticas e raciais na Sabinada. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

8.
Roberto Saba. Vozes da nação: sociedade civil e parlamento no Império. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

9.
Roberto Cândido da Silva. O polígrafo interessado: a construção da brasilidade nas obras de João Ribeiro. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, . Orientador: Miriam Dolhnikoff.

10.
Hernan Enrique Lara Saez. A moeda do Estado: o meio circulante no Brasil do século XIX. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

11.
Vítor Marcos Gregório. A face de Jano: Amazonas na formação do Estado brasileiro. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

12.
Rita de Cassia Carvalho Vicentini. Antônio Rodovalho: o perfil de um empreendedor paulista. 2007. Dissertação (Mestrado em História) - Fac. de Filosofia, Letras e Ciências Humanas - USP, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

Tese de doutorado
1.
Ana Paula Ribeiro Freitas. Minas e a política imperial: a bancada mineira no parlamento brasileiro (1853-1860). 2015. Tese (Doutorado em história) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, . Orientador: Miriam Dolhnikoff.

2.
Argemiro Ribeiro de Souza Filho. Conforntos políticos e redes de sociabilidade: da crise do antigo regiime à formação do Estado Nacional - Bahia. 2011. Tese (Doutorado em história) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, . Orientador: Miriam Dolhnikoff.

3.
Vitor Gregório. A criação das províncias do Amazonas e do Paraná. 2009. Tese (Doutorado em história) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

4.
Hernan Lara Saez. O debate sobre o meio circulante no século XIX. 2009. Tese (Doutorado em história) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

5.
Bruno Aidar. O aparato tributário paulista no século XVIII. 2008. Tese (Doutorado em história) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

Iniciação científica
1.
Bruna Oliveira da Silva. Lei de 1846: O debate na imprensa no Rio de Janeiro. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

2.
Rafael da Fonseca Tamae. O Conselho de Estado e a política externa do Brasil Império: a influência da seção de negócios estrangeiros e justiça na política externa para a região do Prata nos anos 1840. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Relações Internacionais) - Instituto de Relações Internacionais. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

3.
Eneas Sicchierolli Neto. Representação no Brasil monárquico: disputas em torno das legislações eleitorais de 1855 e 1860. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

4.
Rodrigo Marzano Murari. Representação política no Brasil: as instruções eleitorais de 1842. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

5.
Francisleide Silva Maia. A lei do ventre livre no debate parlamentar 1864-1871. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

6.
Leonardo de Oliveira Fontes. Uma análise da política alfandegária do Brasil na primeira metade do século XIX sob a perspectiva do parlamento - A Tarifa Alves Branco. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em relações internacionais) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.

7.
Roberto Nicolas Puzzo Ferreira Saba. A questão servil e a lei dos sexagenários no debate parlamentar (1883-1886). 2007. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Faculdade de Filosofia, Letras e ciências humanas - USP, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Miriam Dolhnikoff.



Educação e Popularização de C & T



Desenvolvimento de material didático ou instrucional
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; CAMPOS, F. ; CLARO, R. . Jogo da História nos dias de hoje. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Livro didático).

2.
DOLHNIKOFF, MIRIAM; CAMPOS, F. ; CLARO, R. . Ritmos da História. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Livro didático).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
DOLHNIKOFF, MIRIAM. Programa História. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/10/2018 às 24:21:55