Alberto Lopes Najar

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4855774026127644
  • Última atualização do currículo em 09/03/2015


Possui graduação em Engenharia (UGF, 1983), mestrado em Planejamento Urbano e Regional (UFRJ/ IPPUR, 1991) e doutorado em Ciência Humanas - Ciência Política e Sociologia -, (IUPERJ, 1997). Fez seu estágio pós-doutoral no Observatoire Sociologique du Changement, Sciences - po, Paris, França (2003/2004), onde desenvolveu, entre 2004 e 2008, como colaborador, projetos de pesquisa comparada e ainda mantém vínculos de pesquisa e discussão, desenvolvendo seminários como professor visitante. Atualmente é pesquisador titular da Departamento de Ciênciais Sociais da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP/Fiocruz), onde atua na área de Sociologia Urbana, com ênfase na temática da divisão social das grandes metrópoles e dos problemas relativos à coalizão civilizatória brasileira, orientando dissertações e teses, bem como ministrando cursos e coordenando seminários de leituras e grupos de discussão sobre seus temas de interesse intelectual e de pesquisa. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Alberto Lopes Najar
Nome em citações bibliográficas
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L

Endereço


Endereço Profissional
Fundação Oswaldo Cruz, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.
Rua Leopoldo Bulhões, 1480, sala 917
Manguinhos
21041-210 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 5982658
Fax: (21) 5982779


Formação acadêmica/titulação


1993 - 1997
Doutorado em Ciência Política (Ciência Política e Sociologia).
Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ, Brasil.
Título: Desigualdades Sociais e Análise Espacial: uma aplicação para o Município do Rio de Janeiro utilizando sistemas de informações geográficas, Ano de obtenção: 1997.
Orientador: Nelson do Valle Silva.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Desigualdade social; Análise espacial; Sistemas de informações geográficas; Metodologia de Análise; Rio de Janeiro.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Probabilidade e Estatística / Subárea: Probabilidade e Estatística Aplicadas.
Setores de atividade: Saúde Humana; Desenvolvimento Urbano; Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.
1988 - 1991
Mestrado em Planejamento Urbano e Regional.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Políticas públicas no Brasil: Estado de bem-estar social ou de segurança nacional? Uma discussão sobre a política de saneamento para áreas urbanas entre 1970/1984,Ano de Obtenção: 1991.
Orientador: Carlos Nelson Coutinho.
Palavras-chave: Bem-estar social; Política governamental; Saneamento básico - invetimentos; Tese - mestrado.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Planejamento Urbano e Regional / Subárea: Fundamentos do Planejamento Urbano e Regional.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana.
Setores de atividade: Políticas, Planejamento e Gestão em Saúde.
1997 - 1997
Especialização em Global Burden Of Disease. (Carga Horária: 80h).
Harvard University, HARVARD, Estados Unidos.
1996 - 1996
Especialização em Advanced Arcview. (Carga Horária: 80h).
Environmental Systems Research Institute.
1995 - 1995
Especialização em Multivariate Statistical Methods. (Carga Horária: 80h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Latin American And Caribbean Studies.
1995 - 1995
Especialização em Spatial Analysis and Gis. (Carga Horária: 80h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Latin American And Caribbean Studies.
1995 - 1995
Especialização em Quantitative Analysis on Latin American. (Carga Horária: 80h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Latin American And Caribbean Studies.
1995 - 1995
Especialização em Times Series. (Carga Horária: 60h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Latin American And Caribbean Studies.
1985 - 1985
Especialização em Engenheiros para a saúde pública. (Carga Horária: 1200h).
Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
1984 - 1984
Especialização em Engenharia Sanitária e Ambiental. (Carga Horária: 1024h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1979 - 1983
Graduação em Engenharia Civil.
Universidade Gama Filho, UGF, Brasil.


Pós-doutorado


2003 - 2004
Pós-Doutorado.
Observatoire Sociologique Du Changement Fondation Nationale de Science Poli.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana / Especialidade: Divisão Social Em Grandes Metrópoles.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Humana / Especialidade: Geografia Urbana.


Formação Complementar


1995 - 1995
Extensão universitária em Geographic Infromation Systems & Spatial Analysis. (Carga horária: 60h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
1995 - 1995
Extensão universitária em Quantitative Methods For Political Studies In Lati. (Carga horária: 60h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
1995 - 1995
Extensão universitária em Multivariate Methods. (Carga horária: 60h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
1995 - 1995
Time Series Analysis. (Carga horária: 60h).
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
1985 - 1985
Extensão universitária em Engenheiros de Saúde Pública. (Carga horária: 1032h).
Escola Nacional de Saúde Pública.
1984 - 1985
Extensão universitária em Saneamento Ambiental. (Carga horária: 1300h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.


Atuação Profissional



Sciences-po, SCIENCES-PO, França.
Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Chercheur, Carga horária: 40


Secretaria Estadual de Meio Ambiente, SEM, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador


Fondation Nationale de Sciences Politiques, SCIENCES-PO, França.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Chercheur Invité, Enquadramento Funcional: Pesquisador convidado, Carga horária: 40


Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 0
Outras informações
Curso Sistemas informações geográficas e análise exploratória espacial, com 10 horas- aula, no Programa Intensivo de Metodologia Quantitativa em Ciências Sociais do Programa de Doutorado em Ciências Humanas: sociologia e política, na faculdade de Filosofia e Ciências Humanas.

Atividades

7/2002 - 8/2002
Ensino, Sociologia e Política, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemas de informações geográficas e análise exploratória espacial

Centro de Informações e Dados do Rio de Janeiro, XXX, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2001
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 20

Atividades

7/2000 - 2/2001
Serviços técnicos especializados .

Serviço realizado
Consultor líder da equipe de gerentes do projeto Nova Baixada.
7/2000 - 2/2001
Treinamentos ministrados .

Treinamentos ministrados
Consultor para o SIREM (Sistema de Informações da Região Metropolitana do Rio de Janeiro)

Secretaria Estadual de Saúde Rj, XXX, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2000
Vínculo: Cosultoria para desenvolviment, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 10
Outras informações
Atividades desenvolvidas: modelagem espacial, integração de sistemas de informação, siste,as geranciais de informação.

Atividades

1/2000 - 12/2000
Conselhos, Comissões e Consultoria, .

Cargo ou função
Consultor.

Instituto Superior de Estudos da Religião, ISER, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: consultor, Carga horária: 10
Outras informações
Consultoria na análise de dados na área ambiental.

Vínculo institucional

1999 - 1999
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: consultor, Carga horária: 0
Outras informações
Consultoria na análise de dados de pesquisas na área ambiental.

Atividades

8/1999 - 8/1999
Serviços técnicos especializados .

Serviço realizado
Análise da pesquisa sobre recilcagem de embalagens PET.

Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 1998
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: consultor, Carga horária: 10

Atividades

12/1997 - 8/1998
Serviços técnicos especializados .

Serviço realizado
Consultor para análise da pesquisa sobre padrões de vida - PPV 1996/97.

Prefeitura Municipal de Angra dos Reis, XXX, Brasil.
Vínculo institucional

1989 - 1991
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: consultor, Carga horária: 20

Atividades

1/1989 - 10/1991
Serviços técnicos especializados .

Serviço realizado
Assessoria em planejamento urbano.

Instituto Brasileiro de Administração Municipal, IBAM, Brasil.
Vínculo institucional

1988 - 1988
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 10

Atividades

10/1988 - 11/1988
Treinamentos ministrados .

Treinamentos ministrados
Programa de capacitação para municípios da região sul

Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

1986 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisador Titular, Carga horária: 40

Atividades

2/1999 - Atual
Direção e administração, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Membro de comissão permanente.
10/1997 - Atual
Direção e administração, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Colégio de Doutores.
1/1986 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

8/2000 - 3/2001
Serviços técnicos especializados , Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Serviço realizado
Membro da equipe do estudo nacional da Carga da Doença.
2/1997 - 1/2000
Direção e administração, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
9/1997 - 11/1999
Direção e administração, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
9/1997 - 11/1999
Direção e administração, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Membro de colegiado superior.
9/1997 - 11/1999
Direção e administração, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Membro da Camera Técnica de Informação e Informática.
3/1997 - 12/1998
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminários Avançados em Saúde e Sociedade
6/1989 - 6/1992
Direção e administração, Escola Nacional de Saúde Pública, Departamento de Ciências Sociais.

Cargo ou função
Membro da Coordenação de Cooperação Técnica e Serviços.
8/1989 - 12/1989
Ensino, Saúde Pública, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
A crise do Welfare-State e a privatização dos serviços públicos


Linhas de pesquisa


1.
Desigualdades sociais, qualidade de vida, cidade e saúde
2.
Informação e saúde
3.
Avaliação e desempenho de políticas públicas


Projetos de pesquisa


2009 - 2011
Mapa da Vulnerabilidade da População do Estado do Rio de Janeiro aos Impactos das Mudanças nas Áreas Social, Saúde e Ambiente
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2007
International Microdata Scoping Studies
Descrição: In April 2005 the Research Resources Board of the Economic and Social Research Council commissioned a Review of International Data Resources and Needs. The Review forms part of a strategy to foster international collaboration in the social sciences. Among its many recommendations, the report arising from this review drew attention to the paucity of accessible social and economic microdata resources covering certain key countries notably for China, India, Mexico, Brazil and South Africa. To inform future actions to address this issue, the Board wishes to commission a number of scoping studies designed to establish the availability within these countries of social and economic microdata resources for research purposes. This note describes how these studies could be conducted and invites interested parties to tender for them. The scoping studies The proposed scoping studies are designed to be conducted by individuals or research/consultancy teams that have some prior knowledge of the statistical systems in the five countries for which information is required. The focus of each study will be on the availability of statistical microdata (data pertaining to individuals or organisations for analysis at the level of the individual or organisation) which are not currently accessible to researchers from outside the countries concerned. Such data are usually held by national or regional statistical bodies and/or government departments or agencies. They may derive from censuses, surveys or administrative systems and are often held as electronic files or databases. Relevant accompanying documentation includes data descriptions detailing how the data were collected; (e.g. survey methods employed, census/survey/administrative data collection instruments, etc.). These so-called metadata may or may not be in electronic format. It is envisaged that four or five investigators (or investigating teams) will be appointed to conduct these studies. Each will spen.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - Atual
A dimensão social das desigualdades: sistema de indicadores de estratificação e mobilidade social
Descrição: Este projeto propõe um sistema de indicadores sociológicos para o acompanhamento da dinâmica da desigualdade e da mobilidade social no Brasil. Tal sistema depende da especificação das categorias sociais analiticamente relevantes, da identificação dos grupos "em risco", e da análise do processo de criação e transmissão das desigualdades ao longo do ciclo de vida dos indivíduos. A combinação desses elementos permitirá identificar os pontos nevrálgicos do processo de estruturação das desigualdades, e conseqüentemente fornecerá subsídios cruciais para políticas públicas. Para elaborar o sistema de indicadores se procederá a um exame detalhado das informações sociais disponibilizadas pelos órgãos oficiais de estatísticas, que permitam a construção de séries históricas sobre a dinâmica das desigualdades. No entanto, a análise sociológica das desigualdades implica, necessariamente, na obtenção de informações sobre a origem social dos indivíduos (indicadores de "classe social" da família de origem). As informações disponíveis dessa natureza, além de serem marcadas por inadequações analíticas, não são coletadas há dez anos. Por essas razões, propomos um novo survey que permitirá a atualização das informações já existentes, e a especificação de indicadores inéditos. Assim, seremos capazes de fazer análises mais complexas, inovando o conhecimento sobre as desigualdades, e facilitando comparações internacionais. Como atividade prévia ao survey estamos propondo 13 subprojetos (envolvendo 25 pesquisadores em 16 instituições de 7 estados do país) visando o aprofundamento de tópicos essenciais da dinâmica das desigualdades e da mobilidade social. Como resultado final, teremos: (a) um conjunto sistemático de indicadores sobre estrutura social e desigualdades atento às condições de vulnerabilidade e risco da população, que poderão ser acompanhados a partir de estatísticas regularmente coletadas; (b) um conjunto de estudos inovadores sobre processos sociais de produção e reprod.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Alberto Lopes Najar - Integrante / Miguel Murat de Vasconcellos - Integrante / Nelson do Valle Silva - Coordenador / Mônica Rodrigues Campos - Integrante / Adalberto Cardoso - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3
2004 - 2007
PROESF - Avaliação do PROESF
Descrição: Apoiar a institucionalização de um sistema de monitoramento e avaliação da Atenção Básica e da estratégia de Saúde da Família no que concerne à conversão do modelo de atenção, redução das desigualdades no acesso/ utilização de serviços e melhoria da situação de saúde da população. Objetivos Específicos Realizar estudo transversal e constituir linha de base do universo de municípios do lote Sudeste 2 no momento inicial do PROESF, compreendendo indicadores que expressem as condições relevantes para análise dos efeitos da intervenção quanto à conversão do modelo de atenção, à redução das desigualdades no acesso/ utilização de serviços e ao desempenho sobre o sistema e situação de saúde da população; Identificar e analisar os condicionantes dos resultados da estratégia da Saúde da Família nos municípios, ou seja, as condições estruturais dos municípios, trajetória das políticas e dos sistemas de saúde municipais, a trajetória e características do PSF nos municípios; Caracterizar os municípios segundo os modelos de atenção básica e de PSF observados; Realizar estudos de casos em alguns municípios do lote selecionados visando analisar as práticas de Saúde da Família junto aos gestores, equipes de saúde e usuários; Propor um desenho metodológico de avaliação que integre indicadores de saúde de diversos tipos e permita a consideração das especificidades regionais, sociais, institucionais e políticas dos diversos municípios do país, visando o monitoramento e avaliação de resultados graduais do PROESF na totalidade de municípios do país incluídos no Projeto; Propor uma metodologia para realização de um estudo de seguimento com desenho de amostra nacional estratificada representativa dos municípios incluídos na linha de base para uma comparação ex-post de grupos experimentais e de controle, nas áreas com e sem PSF. Treinar os profissionais da Secretaria de Estado de Saúde e secretarias de saúde dos municípios selecionados.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Alberto Lopes Najar - Integrante / Miguel Murat de Vasconcellos - Integrante / Maria Helena Mendonça - Coordenador / Maria de Fátima Lobato - Integrante.Financiador(es): Ministério da Saúde - Remuneração.
2003 - 2008
Estrutura social, segregação e desigualdades urbanas
Descrição: As grandes metrópoles solicitam a atenção dos pesquisadores em ciência social e das políticas públicas de forma paradoxal : por um lado, e de um ângulo econômico, elas constituem os principais locais de comando da economia e de desenvolvimento das novas formas da economia terciária, qualificada por alguns de pós-industriais, implicadas centralmente nos processos de globalização ; de outro lado elas são também o local dos contrastes sociais os mais violentos, das formas as mais intensas de confronto entre a exclusão social e o consumo o mais luxuoso. Nesta interrogação sobre os processos de intensificação das desigualdades e das práticas sociais conflitivas, anômicas ou delinqüentes que as acompanham, a questão da segregação social urbana aparece como central, seja enquanto revelador analítico da estruturação das desigualdades dentro das metrópoles, seja como dimensão contextual fortemente estruturante das práticas sociais nos campos os mais variados. Diversos programas de pesquisa tem se voltado para a comparação de grandes metrópoles dos paises os mais desenvolvidos, colocando em questão o paradigma de grande sucesso da cidade global (Sassen, 1991). No entanto a comparação entre grandes metrópoles com níveis de desenvolvimento diferentes parece também interessante, seja para compreender suas especificidades por efeito de contraste, seja para interrogar processos comuns que parecem afeta-las. A idéia de uma brasilianização das sociedades e metrópoles capitalistas desenvolvidas (A. Lipietz, 1996, U. Beck, 2000) incita à análise comparativa. Mais especificamente as estruturas, os processos e efeitos da segregação urbana em Paris, de um lado, e em Rio de Janeiro e São Paulo de outro, cidades que têm em comum certos aspectos modernos da economia terciária, o aumento da precariedade, da informalidade e das desigualdades, mas que revelam, também, importantes diferenças em suas trajetórias históricas, no peso das políticas públicas e nos modos de expressão..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Alberto Lopes Najar - Integrante / Eduardo Marques - Coordenador / Marcos dos Santos Ferreira - Integrante / Licia do Prado Valadares - Integrante / Nisia Trindade - Integrante / Gilberto Hochman - Integrante / Adalberto Cardoso - Integrante / Celi Scalon - Integrante / Luiz Antonio Machado da Silva - Integrante / Haroldo Gomes - Integrante / Argelina Figueredo - Integrante / Lucio Kowarick - Integrante / Edmond Preteceille - Integrante / Marco Oberti - Integrante / Hugues Lagrange - Integrante.Financiador(es): Centro Brasileiro de Análise e Planejamento - Auxílio financeiro / Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro - Cooperação / Observatoire Sociologique Du Changement Fondation Nationale de Science Poli - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 2
2003 - 2004
Análise socio-espacial dos censos demográficos de 1991 e 2000
Descrição: O projeto de pesquisa produto de longa trajetória acadêmica. Suas primeiras raízes encontram-se no curso de mestrado, ao final dos anos 1980, no Instituto de Pesquisas em Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IPPUR-UFRJ). Teve um primeiro desenvolvimento em projeto financiado pelo Banco Mundial em colaboração com o Instituto Pereira Passos (então IpanRio) entre 1992 e 1995 (Najar, 1995), ganhou consistência teórico-metodológica ao longo da elaboração da tese de doutorado no Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro - IUPERJ (Najar, 1997 e 1998b) e foi expandido através de dois financiamentos: o prêmio científico recebido através da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (FAPERJ), no âmbito do programa Cientistas de Nosso Estado, (1999/2000) e o apoio do programa de Pesquisa Estratégica da Escola Nacional de Saúde Pública - FIOCRUZ (Najar, 2000). Em cada fase por assim dizer, foi desenvolvido um aspecto, culminando no desenvolvimento de: (1) uma metodologia que permite hierarquizar áreas da região metropolitana do Rio de Janeiro (setores censitários, bairros e regiões administrativas) segundo um índice de qualidade social construído a partir de variáveis censitárias; e (2) um software de visualização que expande a metodologia desenvolvida na tese de doutorado (apenas para o município do Rio de Janeiro), para toda a região metropolitana. Ao longo desta trajetória, pode-se perceber duas motivações principais. O propósito é aprimorar, através de colaboração internacional em forma de estágio pós-doutoral, a metodologia de elegibilidade de áreas em regiões metropolitanas, desenvolvida em pesquisas e projetos anteriores, tomando como campo de aplicação a região metropolitana do Rio de Janeiro, primeiramente incorporando outros dois censos, o de 1996 e o de 2000..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Alberto Lopes Najar - Coordenador / Edmond Préteceille - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
1997 - 1999
Sistema de informações do Parque Nacional da Serra da Capiva
Descrição: Integrar todas as bases de dados do Parque no sentido de apoir anaálises ecológicas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Alberto Lopes Najar - Coordenador.


Projetos de desenvolvimento


1999 - 2000
Rio 40 graus: metotologia de seleção de áreas metropoplitana
Descrição: Desenvolver modelo analítico apoiado em um sistema de informações geográficas da região metropolitana do Rio de Janeiro com o objetivo específico de estabelecer uma base socioeconômica com referência espacial, para análises sobre: perfis de qualidade de vida, investimentos públicos, produção e reprodução de desigualdades sociais em seus diversos aspectos, mas muito especialmente para a identificação de grupos e parcelas do território mais vulneráveis sob o ponto de vista da saúde. Com essa finalidade foram utilizadas ferramentas de análise multivariada para caracterizar a estrutura sócio-espacial desta mesma região. Compartilhando da crítica aos modelos apriorísticos, orientado por hipóteses fortes (Marques, 1993 e 2000), propomos um modelo analítico que parte da premissa de que a distribuição dos investimentos públicos guarda um relação estreita com a estrutura social corporificada no espaço, apoiados na afirmação de Vetter (1982), de que há uma causação circular provocada por uma superposição entre renda real e renda monetária. Acrescentamos que esta renda real, no caso das políticas públicas de saúde, são benefícios líquidos que se traduzem em mudanças dos perfis epidemiológicos da população, mas que, dada a melhoria generalizada das condições de vida da população nas grandes cidades brasileiras, estas mudanças, só podem ser detectadas, num sentido operacional que interessa grandemente à saúde pública, e especialmente à epidemiologia, trabalhando com níveis de agregação convenientes, por exemplo, setores censitários ou domicílios, que serão posteriormente re-agrupados através de técnicas especiais - análise de clusters, por exemplo -, oferecendo assim novas visões sobre os aglomerados urbanos, no nosso caso, regiões metropolitanas..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Alberto Lopes Najar - Coordenador.
1989 - 1995
Sistemas de informações geográficas da Fundação Oswaldo Cruz
Descrição: Desenvolver a integração de bases de dados gráficos e não-gráficos para dar suporte a análises socio-espaciais na área de saúde pública..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Alberto Lopes Najar - Coordenador.


Revisor de periódico


2007 - Atual
Periódico: Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ)
2007 - Atual
Periódico: Ciência & Saúde Coletiva
2012 - Atual
Periódico: Plural (USP)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana/Especialidade: Divisão Social Em Grandes Metrópoles.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Sistemas de Informação.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Probabilidade e Estatística / Subárea: Estatística/Especialidade: Análise de Dados.
4.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Saúde Pública.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
6.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aplicada/Especialidade: Ecologia Urbana.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Italiano
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


1999
Bolsa Cientistas de Nosso Estado, FAPERJ.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
LAGUARDIA, JOSUE2013LAGUARDIA, JOSUE ; CAMPOS, MONICA RODRIGUES ; TRAVASSOS, CLAUDIA ; Najar, Alberto Lopes ; ANJOS, LUIZ ANTONIO DOS ; VASCONCELLOS, MIGUEL MURAT . Brazilian normative data for the Short Form 36 questionnaire, version 2. Revista Brasileira de Epidemiologia (Impresso), v. 16, p. 889-897, 2013.

2.
De Almeida, Aline2012 De Almeida, Aline ; Najar, Alberto Lopes . Cidade Maravilhosa e Cidade Partida: notas sobre a manipulação de uma cidade deteriorada. Rua (UNICAMP), v. 1, p. 8, 2012.

3.
Pinto, Alessandra2011Pinto, Alessandra ; NAJAR, A. L. . Cultura e instituições de saúde: estudando a participação de traços culturais da sociedade brasileira no processo de trabalho de serviços de atenção básica. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), v. 16, p. 4375-4384, 2011.

4.
Laguardia, Josuà 2011Laguardia, Josuà ; Campos, Monica R ; Travassos, Claudia M ; Najar, Alberto L ; Anjos, Luiz A ; Vasconcellos, Miguel M . Psychometric evaluation of the SF-36 (v.2) questionnaire in a probability sample of Brazilian households: results of the survey Pesquisa Dimensà es Sociais das Desigualdades (PDSD), Brazil, 2008. Health and Quality of Life Outcomes, v. 9, p. 61, 2011.

5.
Najar, Alberto Lopes2008Najar, Alberto Lopes; Baptista, Tatiana Wargas de Faria ; ANDRADE, Carla Lourenço Tavares de . Índice de desenvolvimento da família: uma análise comparativa em 21 municípios do Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ), v. 24, p. S134, 2008.

6.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2007NAJAR, A. L.; PERES, Fabio de Faria . A divisão social da cidade e a promoção da saúde:. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso), v. 12, p. 319-326, 2007.

7.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2005NAJAR, A. L.. O Avatar da cidadania global. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 10, n.3, p. 527-548, 2005.

8.
FERREIRA, Marcos dos Santos2005FERREIRA, Marcos dos Santos ; NAJAR, A. L. . Adesão, programas de promoção da atividade física e saúde: elementos para uma avalição. Ciência & Saúde Coletiva, v. 10, p. 207-219, 2005.

9.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2004NAJAR, A. L.. A categorização sobre raça e cor no Brasil - resumo do debate. Saúde e Direitos Humanos, Brasília, v. 1, n.1, p. 51-60, 2004.

10.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2003NAJAR, A. L.; CAMPOS, Mônica Rodrigues . Desigualdades sociais e gestão em saúde: metodologia de seleção de áreas urbanas visando à diminuição das desigualdades socioespaciais em regiões metropolitanas. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 8, n.2, p. 471-478, 2003.

11.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2003NAJAR, A. L.; MARQUES, E. C. . A sociologia urbana, os modelos de análise da metrópole e a saúde coletiva: uma contribuição ao caso brasileiro. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 8, n.3, p. 703-712, 2003.

12.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2003NAJAR, A. L.; FÉGAR, Sylvie . Rio de Janeiro,a imagem da divisão social da cidade nas emissões televisivas da França. Revista Brasileira de Estudos Urbanos e Regionais (ANPUR), v. 5, n.2, p. 57-74, 2003.

13.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2002 NAJAR, A. L.; FARIAS, L. O. ; MARQUES, E. C. ; ZACKIEWICZ, Cristina . Desigualdades sociais no município do Rio de Janeiro: uma comparação entre os censos 1991 e 1996. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ), Rio de Janeiro, v. 18, n.Suplemento, p. 89-102, 2002.

14.
CONFALONIERI, U.2002CONFALONIERI, U. ; CHAME, M. ; CHAVES, Sérgio Miranda ; NAJAR, A. L. ; HACON, S. . Mudanças globais e grandes empreendimentos: importância para a saúde. Informe Epidemiológico do SUS, Brasília, v. 11, n.3, p. 139-154, 2002.

15.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L2000 NAJAR, A. L.; ALEKSANDWICZ, A. M. C. . A extensão da impostura. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ), v. 16, n.4, p. 911-912, 2000.

16.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L1990NAJAR, A. L.. Malaria, migrações e grandes projetos na Amazonia.. Travessia (UFSC), v. 02, n.06, p. 33-38, 1990.

17.
NAJAR, A. L.;Najar, Alberto Lopes;Najar, Alberto L1990NAJAR, A. L.; MELAMED, C. . Considerações para análise da politica de saneamento no ciclo do Planasa e a formulação de novas diretrizes para o setor.. Revista de Administração Municipal, Rio de Janeiro, v. 37, n.194, p. 62-76, 1990.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
NAJAR, A. L.; MARQUES, E. (Org.) . Saúde e Espaço: estudos metodológicos e técnicas de análise.. 1. ed. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 1998. v. 1. 274p .

2.
NAJAR, A. L.; MELAMED, C. . Saneamento Básico: um direito de quem?. Rio de Janeiro: FASE, 1987. 53p .

Capítulos de livros publicados
1.
CONFALONIERI, U. ; WILSON, M e ; NAJAR, A. L. . Social and Environmental Vulnerability to Emerging Infectious Diseases. In: P. Crutzen. (Org.). Interactions Between Global Change and Human Health. Roma: Pontificial Academy of Sciences, 2006, v. 106, p. 195-212.

2.
PINA, M F ; NAJAR, A. L. ; ESTEVES, M A ; CID, M . Desigualdades sócio-espaciais e saúde - o padrão de distribuição da tuberculose em uma área na cidade do Rio de Janeiro. In: Leandro, M.; Araújo, M.; Costa, M.. (Org.). Saúde - as teias da discriminação social. 1ed.Braga: Instituto de Ciências Sociais, Universidade do Minho, 2002, v. 1, p. 237-252.

3.
BREBBIA, C. ; PACOLO, P. ; NAJAR, A. L. . Management information systems: GIS and remote sensing. In: C A Brebbia; P Pascolo. (Org.). 1ed.Southampton: WITPress, 2000, v. 1, p. -.

4.
NAJAR, A. L.; PINA, M. F. ; MAGALHÃES, M. A. ; PAOLA, J. C. M. . O problema da comparação entre os limites das regiões administrativas no município do Rio de Janeiro: Sugestão Metodológica.. In: Alberto Lopes Najar; Eduardo Cesar Marques. (Org.). Saúde e Espaço: Estudos Metodológicos e Técnicas de Análise. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 1998, v. , p. 153-164.

5.
NAJAR, A. L.. Desigualdades de bem-estar social no município do Rio de Janeiro: Um exemplo de aplicação da ferramenta SIG.. In: Alberto Lopes Najar; Eduardo Cesar Marques. (Org.). Saúde e Espaço: Estudos Metodológicos e Técnicas de Análise. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 1998, v. , p. 167-197.

6.
NAJAR, A. L.; CYNAMON, S. E. ; VALADARES, J. C. ; COHEN, S. C. ; MOURÃO, W. L. ; FISZON, J. T. ; MACHADO, T. T. . Saneamento e saúde ambiental no Brasil. In: Maria do Carmo Leal; Paulo Chagastelles Sabroza; Rodolfo Hector Rofriguez; Paulo Marchiori Buss. (Org.). Saúde, ambiente e desenvolvimento. 1ed.São Paulo-Rio de Janeiro: HUCITEC-ABRASCO, 1992, v. 2, p. 153-170.

7.
NAJAR, A. L.; FISZON, J. T. . Politica Pública e o Modelo de Saneamento no Brasil. In: Nilson do Rosário Costa; Célia Leitão Ramos; Maria Cecília de Souza Minayo; Eduardo Navarro Stozt. (Org.). Demandas Populares, Políticas Públicas e Saúde : ciências sociais e saúde coletiva. 1ed.RIO DE JANEIRO: VOZES, 1989, v. 1, p. 141-160.

8.
NAJAR, A. L.; MELAMED, C. . Políticas Públicas, bens de consumo coletivo e condições de vida - o caso de Anchieta e Pavuna.. In: IPLANRIO. (Org.). Políticas habitacionais no município do Rio de Janeiro: regiões administrativas de Anchieta e Pavuna. Rio de Janeiro: Instituto de Planejamento do Rio de Janeiro - IPLANRIO, 1988, v. , p. -.

9.
NAJAR, A. L.; MELAMED, C. ; FISZON, J. T. . O Plano Nacional de Saneamento: as desigualdades encobertas. In: Maria Cecília de Souza Minayo. (Org.). A SAUDE EM ESTADO DE CHOQUE. 1ed.RIO DE JANEIRO: ESPACO E TEMPO LTDA, 1986, v. , p. 59-72.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ZACKIEWICZ, Cristina ; NAJAR, A. L. . Investigação das práticas de automedicação em pacientes sob terapia medicamentosa. In: VI Congresso Brasileiro de Epidemiologia: um olhar sobre a cidade, 2004, Recife. Anais do VI Congresso Brasieliro de Epidemiol;ogia. Rio de Janeiro: ABRASCO, 2004. v. 1. p. 10-11.

2.
NAJAR, A. L.; CHAME, M. ; MIRANDA, S. . A GIS application for environmental management in the semi-arid ecosystem of Serra da Capivara National Park, Piauí, Northeast Brazil. In: Management Information Systems, 2000, Lisboa. Management information systems. Southampton: WITpress, 2000. p. 37-45.

3.
CONFALONIERI, U. ; CHAME, M. ; NAJAR, A. L. ; MIRANDA, S. ; KRUG, T. ; NOBRE, C. A. ; MIGUEZ, J. D. G. ; CORTESÃO, J. ; ZABLUDOWSKY, A. ; QUEIROZ, R. ; BARROS, M. L. B. ; HACON, S. . Mudanças globais e grandes empreendimentos. In: I Seminário Nacional saúde e ambiente no processo de desenvolvimento, 2000, Rio de Janeiro. I Seminário Nacional Saúde e Ambiente no processo de desenvolvimento. Rio de Janeiro: Fundação Oswaldo Cruz (Série FIOCRUZ: eventos científicos, 2), 2000. v. 2. p. 35-62.

4.
NAJAR, A. L.. O Embrião de um sistema de monitoramento: Metodologia de Seleção de Áreas paras Minoração de Desigualdades de Bem-Estar e Promoção da Saúde na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. In: I Seminário Fluminense de Indicadores, 2000, Rio de Janeiro. Caderno de Textos. Rio de Janeiro: Fundação CIDE, 2000. p. 19-24.

5.
BARILLI, E. C. V. C. ; NAJAR, A. L. . Rio 40 graus: uma metodologia de seleção de áreas para minoração de desigualdades de bem-estar e promoção da saúde na Região Metropolitana do Rio de Janeiro - módulo tecnologia. In: GIS Brasil 2000, 2000, Salvador. GISBRASIL: a era da informação geográfica - anais em CD-ROM, 2000.

6.
NAJAR, A. L.; CHAME, M. . Monitoramento participativo da fauna: buscando um método adequado à realidade do Parque Nacional Serra da Capivara, Piauí - Brasil.. In: IV Congresso Internacional en Gestion en Recursos Naturales: sustentabilidad del siglo XXI, 1998, Termas de Puyehe. Anales del IV Congresso Internacional en Gestion en Recursos Naturales: sustentabilidad del siglo XXI, 1998. p. 74-75.

7.
NAJAR, A. L.; VASCONCELLOS, M. M. . Modelagem Espacial em Ambiente SIG: Algumas Aplicações em Saúde Coletiva.. In: IV Congresso e Feira para usuários de Geoprocessamento da América Latina, 1998, Curitiba. CD-ROM GIS Brasil 98. Curitiba: Fator GIS, 1998.

8.
NAJAR, A. L.. Mapa do Status Sócio-Econômico do município do Rio de Janeiro.. In: IV Simpósio Brasileiro de Geoprocessamento, 1997, São Paulo. Anais do IV Simpósio Brasileiro de Geoprocessamento, 1997. p. 511-521.

9.
NAJAR, A. L.. Análise exploratória espacial de dados sócioeconômicos nas pesquisas em saúde coletiva: mapa das desigualdades de status social do Município do Rio de janeiro a partir do censo 1991 - um exemplo de aplicação. In: V Congresso Brasileiro de Saúde Coletivaer V Congresso Paulista de Saúde Pública, 1997, Águas de Lindóia. Anais do V Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva e V Congresso Paulista de Saúde Pública. Rio de Janeiro: ABRASCO, 1997. v. 1. p. 123-134.

10.
NAJAR, A. L.; PINA, M. F. ; MAGALHÃES, M. A. ; PAOLA, J. C. M. . Homogeneidade das Unidades Espaciais de Agregação: o problema da comparação entre Regiões Administrativas no município do Rio de Janeiro - sugestão metodológica.. In: II Semana de Geoprocessamento do Estado do Rio de Janeiro, 1996, Rio de Janeiro. Anais da II Semana de Geoprocessamento do Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Clube de Engenharia, 1996. p. 289-296.

11.
NAJAR, A. L.; PINA, M. F. . Espaço e Mortalidade no Rio de Janeiro da década de 80. In: VI Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional, 1995, Brasília. Anais do VI Encontro Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação em Planejamento Urbano e Regional. São Paulo: ANPUR, 1995. v. 1. p. 722-738.

12.
NAJAR, A. L.; PINA, M. F. ; LIMA, L. . Estrutura social e espaço no Rio de Janeiro nos anos 80. In: I Congresso Brasileiro de Ciências Sociais em Saúde, 1995, Curitiba. Anais do Congresso Brasileiro de Ciências Sociais em Saúde. Rio de Janeiro: ABRASCO, 1995. p. 58-58.

13.
NAJAR, A. L.. Living conditions and mortality in urban areas: the change in the level of Brazilian urbanization and methodological development.. In: Seminário Quantitative analysis on Latin America - University of Michigan, 1995, Ann Arbor - Michigan, 1995.

14.
NAJAR, A. L.; FISZON, J. T. . Projeto Politicas Publicas, Ambiente e Saude.. In: XIV CONGRESSO DE ENGENHARIA SANITARIA - ABES, 1987, São Paulo. Anais do XIV CONGRESSO DE ENGENHARIA SANITARIA - ABES. SAO PAULO: ABES, 1987. p. 42-47.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
ZACKIEWICZ, Cristina ; NAJAR, A. L. . INVESTIGAÇÃO DAS PRÁTICAS DE AUTOMEDICAÇÃO EM PACIENTES CRÔNICOS SOB TERAPIA MEDICAMENTOSA. In: VII Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2003, Curitiba. Saúde, Justiça e Cidadania - anais. Rio de Janeiro: Abrasco, 2003. v. 8.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
FERREIRA, Marcos Santos ; NAJAR, A. L. . Adesão, programas de promoção da atividade física e saúde: elemenos para uma avaliação. In: I Congresso Internacional de Ciências do Esporte, 2005, Porto Alegre. Anais do Congresso Internacional de Ciências do Esporte. Porto Alegre, 2005. v. 1.

2.
NAJAR, A. L.. Rio 40 graus: metodologia de seleção de áreas para minoração de desigualdades de bem-estar social e promoção da saúde na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. In: VI Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2000, Salvador. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso). Salvador: ABRASCO, 2000. v. 5. p. 171-171.

3.
NAJAR, A. L.. Rio 40 graus: apresentação do CD-ROM com os resultados parciais da pesquisa. In: VI Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2000, Salvador. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso). Salvador: ABRASCO, 2000. v. 5. p. 580-580.

4.
NAJAR, A. L.; CHAME, M. ; MIRANDA, S. . Saúde dos ecossistemas e vigilância ambiental. In: VI Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva, 2000, Salvador. Ciência e Saúde Coletiva (Impresso). Salvador: ABRASCO, 2000. v. 5. p. 476-476.

5.
BERBAT, V. ; NAJAR, A. L. . Desigualdades de bem-estar e promoção da saúde na região metropolitana do Rio de Janeiro. In: XII Encontro Nacional dos Geógrafos, 2000, Florianópolis, Santa Catarina. Os outros 500 na formação do território brasileiro, 2000.

6.
NAJAR, A. L.. Social Inequalities, Exploratory Spatial data Analisys, and Health Promotion: A Methodology for Areas Selection using GIS in Rio de Janeiro City - First Approach for Studying Rio de Janeiro´s Urban Network.. In: The Canadian Conference - Program & Abstracts., 1999. The Canadian Conference on International Health, 1999. p. 37-37.

7.
NAJAR, A. L.; CRUZ, O. G. ; CARVALHO, M. S. ; MACHADO, J. H. ; PINA, M. F. ; VASCONCELLOS, M. M. ; VIACAVA, F. ; BARCELLOS, C. . GIS assembling and addressing system in Rio de Janeiro/Brazil.. In: Symposium on Statistical Methods, 1995, Atlanta. Proceedings of the CDC/ATSDR Symposium on Statistical methods, Atlanta, 18th, 1995. Atlanta, 1995.

8.
NAJAR, A. L.; TOSCHI, W. . Mortalidade no município do Rio de Janeiro: comparação com outros municípios e anos potenciais de vidas perdidos.. In: III Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 1995, Salvador. Anais do III Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Rio de Janeiro: ABRASCO, 1995. v. 1. p. 331-331.

9.
NAJAR, A. L.; PINA, M. F. ; BARCELLOS, C. ; CARVALHO, M. S. ; CRUZ, O. G. ; MACHADO, J. H. ; VASCONCELLOS, M. M. ; VIACAVA, F. . Sistema de Informações Geográficas para pesquisa em Saúde - a experiência da FIOCRUZ.. In: III Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 1995, Salvador. Anais do III Congresso Brasileiro de Epidemiologia. Rio de Janeiro: ABRASCO, 1995. v. 1. p. 331-331.

10.
NAJAR, A. L.. Diferenciais de Mortalidade no município do Rio de Janeiro: Condições de vida e morte em populações urbanas.. In: III Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 1995, Salvador. Anais do III Congresso Brasileiro de Epidemiologia, 1995. v. 1. p. 35-35.

11.
NAJAR, A. L.; MINAYO, C. ; CARVALHO, M. S. ; BARCELLOS, C. ; CRUZ, O. G. ; MACHADO, J. H. ; VASCONCELLOS, M. M. ; VIACAVA, F. . Saúde e espaço em regiões metropolitanas.. In: IV Congresso Brasileiro Saúde Coletiva, 1994, Recife. Anais do IV Congresso Brasileiro Saúde Coletiva. Rio de Janeiro: ABRASCO, 1994.

12.
NAJAR, A. L.. Condições de vida e morte em populações urbanas: as mudanças no padrão de urbanização brasileiro e os desafios metodológicos para a saúde.. In: IV Congresso Brasileiro Saúde Coletiva, 1994, Recife. Anais do IV Congresso Brasileiro Saúde Coletiva. Rio de Janeiro: ABRASCO, 1994.

13.
NAJAR, A. L.. Reforma Sanitaria e Reforma Urbana: Um Campo de Indagacoes e Disputa Politica.. In: II CONGRESSO BRASILEIRO DE SAUDE COLETIVA, 1989, São Paulo, 1989. p. 0-0.

Outras produções bibliográficas
1.
NAJAR, A. L.; SILVA, N. V. . Desigualdades sociais e análise espacial: uma aplicação para o Município do Rio de Janeiro utilizando sistemas de informações geográficas. Rio de Janeiro: IUPERJ, 1997 (Tese de doutorado).

2.
NAJAR, A. L.; COUTINHO, C. N. . Políticas públicas no Brasil: Estado de bem-estar social ou de segurança nacional? Um discussão sobre a política de saneamento para áreas urbanas entre 1970 e 1984. Rio de Janeiro: UFRJ/IPPUR, 1991 (Dissertação de mestrado).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
NAJAR, A. L.; VASCONCELLOS, M. M. ; LEVIN, J. ; RANGEL, Silvia . International Microdata Scoping. 2007.

Programas de computador sem registro
1.
NAJAR, A. L.; CHIARELLA, M. . Rio 40 graus: software de visualização, versão 2. 2000.

2.
NAJAR, A. L.; CUNHA, G. . Rio 40 graus, versão 1. 1999.

3.
NAJAR, A. L.; CRUZ, O. G. . Sisloc. 1996.

Trabalhos técnicos
1.
MENDONÇA, Maria Helena ; NAJAR, A. L. ; Giovanella ; LOBATO, Maria de Fátima ; VASCONCELLOS, M. M. . Estudo de Linha de Base, Rio de Janeiro, do Projeto de Expansão da Estratégia de Saúde da Família. 2006.

2.
NAJAR, A. L.. Rio 40 graus: metodologia de seleção de áreas para minoração de desigualdades de bem-estar social e promo;cão da saúde na Regioão Metropolitana do Rio de Janeiro. 2000.

3.
NAJAR, A. L.; MIRANDA, S. ; CHAME, M. . Sistema de Informações Geográficas do Parque Nacional Serra da Capivara.. 1998.

4.
NAJAR, A. L.; MIRANDA, S. ; CHAME, M. . Projeto de Sistema de Informações Geográficas do Parque Nacional Serra da Capivara. Relatório Final. 1998.

5.
NAJAR, A. L.. Padrões de Vida, condições de saúde e nutrição. 1998.

6.
NAJAR, A. L.; PINA, M. F. ; BARCELLOS, C. ; VASCONCELLOS, M. M. ; MACHADO, J. H. ; VIACAVA, F. ; CARVALHO, M. S. ; CRUZ, O. G. . Desenvolvimento metodológico para análise de eventos relacionados à saúde nas grandes metrópoles a aprtir de sus distribuição espacial. 1996.

7.
NAJAR, A. L.. Relatório final do projeto: Condições de Vida e Morte em Populações Urbanas - as mudanças no padrão de urbanização brasileiro e os desafios metodológicos para a saúde. 1995.


Demais tipos de produção técnica
1.
MENDONÇA, Maria Helena ; NAJAR, A. L. ; VASCONCELLOS, M. M. ; Giovanella ; LOBATO, Maria de Fátima ; Batista, Tatiana Wargas de Faria ; VIEIRA, Crsitiani ; LIMA, L. . Estudo de Linha de Base - PROESF - municípios do Rio de Janeiro. 2006. (Relatório de pesquisa).

2.
NAJAR, A. L.; VASCONCELLOS, M. M. ; PINA, M F ; HAMMERLI, Ilara ; RANGEL, Silvia . Processo de Gestão e Tecnologias de Informação em Saúde. 2004. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Curso à distância).

3.
NAJAR, A. L.. Visualização de dados e informações e análise espacial. 1999. .

4.
NAJAR, A. L.. Curso de Saneamento Básico e Meio Ambiente.. 1988. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
NAJAR, A. L.. Administración de Servicios Publicos Municipales.. 1987. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
NAJAR, A. L.. Cidade Nossa, Vida Melhor. 1989 (FILME, VIDEO OU AUDIOVISUAL DE DIVULGACAO CIENTIFICA REALIZADO).

Demais trabalhos
1.
CONFALONIERI, U. ; CHAME, M. ; MIRANDA, S. ; NAJAR, A. L. ; QUEIROZ, R. . Seminário Nacional Saúde e Ambiente no Processo de Desenvolvimeto. 2000 (Participação em Seminários) .

2.
NAJAR, A. L.. Encontro do Instituto de Geociências da Universidade Federal Fluninense. 2000 (Expositor) .

3.
NAJAR, A. L.. Seminário Anual da Pós-Graduação. 2000 (Participação em Seminários) .

4.
NAJAR, A. L.. Seminário de Análise de Situação em Saúde. 1999 (Expositor) .

5.
NAJAR, A. L.. Seminário Anual da Pós-Graduação. 1998 (Participação em Seminários) .

6.
NAJAR, A. L.. Saúde e Doença: Repensando Concepções.. 1989 (Expositor) .

7.
NAJAR, A. L.. XXI Congreso Interamericano de Ingeniaria Sanitaria y Ambiental.. 1988 (Participação em Congressos) .

8.
NAJAR, A. L.. Meio Ambiente e Saneamento: Prioridade Política e Institucionalização.. 1987 (Participação em Congressos) .

9.
NAJAR, A. L.. Seminar Use of Soil for Treatment and Final Disposal of Effluents and Sludge.. 1986 (Participação em Seminários) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
NAJAR, A. L.; MAGALHÃES, R.. Participação em banca de Ana Cláudia Barbosa. O Centro-dia, seus idosos e sua família: um olhar sobre as relações de cuidado. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública.

2.
NAJAR, A. L.. Participação em banca de Carlos Henique Melo. Saneamento ambiental na FUNASA: da concepção preventivista aos desafios da reforma sanitária. 2005. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública.

3.
CASTIEL, L. D.; MINAYO, M. C. S.; SANTOS, C. A. G.; NAJAR, A. L.; FREITAS, F. F. P.. Participação em banca de Ana Maria Coutinho Aleksandrowicz. Henri Atlan e as hipóteses do possível nos processos de adoecer. 2001. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública.

4.
SCALON, M. C. R. C.; SILVA, N. V.; NAJAR, A. L.. Participação em banca de Sirlei Lopes Bastos. Educação e inserção ocupacional: dimensões da desigualdade social. 2001. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro.

5.
RIBEIRO, A. C. T.; NAJAR, A. L.; CARDOSO, A. L.; KLEIMAN, M.. Participação em banca de Rita de Cássia Carneiro Sales. Gestão local, saneamento e participação popular: reflexões sobre o município de Duque de Caxias. 1999. Dissertação (Mestrado em Planejamento Urbano e Regional) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
NAJAR, A. L.. Participação em banca de Flávio Alex de Oliveira Carvalhaes. Ciclo de vida e posição socioeconômica: contribuições sociológicas para o entendimento da relação entre desigualdade social e saúde no Brasil. 2013. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
Barbosa, R H S; Muniz, P; Oliveira, S S S; NAJAR, A. L.; Brito, J C. Participação em banca de Eliana Chaves Vianna. Entre poucas prescrições e subversões: o jeitinho de fazer saúde do agente comunitário de Manguinhos. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado) - Escola Nacional de Saúde Pública.

3.
Aleksandrowicz, A M; Matraca, M V C; NAJAR, A. L.; Rotenberg, L; Oliveira, S S S. Participação em banca de Marcio Luiz Braga Corrêa de Mello. Práticas terapêuticas populares e religiosidade afro-brasileira no Rio de Janeiro: um diálogo possível entre saúde e antropologia. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado) - Escola Nacional de Saúde Pública.

4.
Levcovitz, E.; NAJAR, A. L.; Dain, Sulamis; Viana, A. L.; Uga, A.. Participação em banca de Luciana Dias de Lima. FEDERALISMO, RELAÇÕES FISCAIS E FINANCIAMENTO DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE: A DISTRIBUIÇÃO DE RECEITAS VINCULADAS À SAÚDE NOS ORÇAMENTOS MUNICIPAIS E ESTADUAIS. 2006. Tese (Doutorado em Saúde Coletiva) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
NAJAR, A. L.; COSTA, N. R.; SILVA, N. V.; BELTRÃO, K. I.; REIS, A. C. A.. Presidente de Banca para provisão de cargo de Pesquisador. 2002. Escola Nacional de Saúde Pública.

2.
NAJAR, A. L.; VALLADARES, L. P.; AMÂNCIO FILHO, A.; MARTINS, A.; SANT'ANNA, M. J. G.. Membro de Banca. 2002. Escola Nacional de Saúde Pública.

Outras participações
1.
AMÂNCIO FILHO, A.; Moreira, C O F; SCHRAMM, F. R.; MAGALHÃES, R.; NAJAR, A. L.. Bamca para a Seleção de Mestrado. 2007. Escola Nacional de Saúde Pública.

2.
NAJAR, A. L.. Comissão Científica do III Congresso Brasileiro de Ciências Sociais e Humanas da ABRASCO. 2005. Associação Brasileira de Saúde Coletiva.

3.
NAJAR, A. L.. Banca de seleção de mestrado. 2005. Escola Nacional de Saúde Pública.

4.
NAJAR, A. L.; GIFFIN, K. M.; SCHRAMM, F. R.. Banca de Seleção de Mestrado. 2002. Escola Nacional de Saúde Pública.

5.
NAJAR, A. L.; TELLES, N.; MAGALHÃES, R.. Banca de Seleção de Mestrado. 2000. Escola Nacional de Saúde Pública.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Comparative Perspectives on Urban Segregation: Chicago, Paris, and Rio de Janeiro.Comparative Perspectives on Urban Segregation: Chicago, Paris, and Rio de Janeiro. 2005. (Seminário).

2.
Les Villes Comme Tissu Social: fragmentation et intégration.International Sociological Association, RC-21 - International Conference, 30 June - 2nd July. 2005. (Seminário).

3.
XII Congresso Brasileiro de sociologia. XII Congresso Brasileiro de Sociologia. 2005. (Congresso).

4.
XII Congresso Brasileiro de sociologia.A imagem das desigualdades. 2005. (Encontro).

5.
Estrutura social e espacial: São Paulo, Rio de Janeiro e Paris.Estrtura social e espacial em metrópoles. 2004. (Seminário).

6.
Hip Hop e Política - primeiro encontro Sul Americano/Caribe.Hip Hop e Política. 2002. (Encontro).

7.
II Congresso Mineiro de Epidemiologia e Saúde Pública. II Congresso Mineiro de Epidemiologia e Saúde Pública. 2002. (Congresso).

8.
I Seminário Perspectivas das Regiões Metropolitanas.Perspectivas das Regiões Metropolitanas . 2002. (Seminário).

9.
Informação para apoio à decisão.Informação para apoio à decisão: definindo indicadores e relatórios de alerta e gerenciais (cosulta a especialistas). 2001. (Oficina).

10.
Saúde e Desigualdade: instituições e políticas públicas no século XXI.Saúde e Desigualdade: instituições e políticas públicas no século XXI. 2001. (Seminário).

11.
I Seminário Nacional Saúde e Ambiente no Processo de Desenvolvimento.Seminário Nacional Saúde e Ambiente no Processo de Desenvolvimento. 2000. (Seminário).

12.
XXI Congresso Interamericano de Ingenieria Sanitaria y Ambiental. XXI Congresso Interamericano de Ingenieria Sanitaria y Ambiental. 1988. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Luísa Sorio Flor. Mobilidade social e saúde: uma análise do survey 'Pesquisa Dimensões Sociais das Desigualdades' (PDSD), Brasil, 2008. 2012. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alberto Lopes Najar.

2.
Máira de Mello Cabral e Matos. À Deriva: juventude e masculinidades. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, . Orientador: Alberto Lopes Najar.

3.
Jorge Luiz Gonzaga. A ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE E O CENSO - IBGE: A RELEVÂNCIA DO SETOR CENSITÁRIO COMO FATOR DE INTEGRAÇÃO. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, . Orientador: Alberto Lopes Najar.

4.
Carlos Henrique Macena Barbosa. A Representação social de família dos conselheiros tutelares do município de Niterói - Rio de Janeiro. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, . Orientador: Alberto Lopes Najar.

5.
Aline Gama de Almeida. Maravilhosa e partida: representações do Rio de Janeiro no telejornalismo. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alberto Lopes Najar.

6.
Juliana de Santana Matta. E a família, como vai? Trajetórias familiares e concepções de família em mulheres que foram mães na adolescência: o caso do Centro de Saúde Germano Sinval Faria. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alberto Lopes Najar.

7.
Isabella Vitral Pinto. Igualdade e Desigualdade Sociais: uma revisão a respeito dos conceitos e medidas. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, . Orientador: Alberto Lopes Najar.

8.
Monique Miranda. O registro da cor nos serviços de saúde do Rio de Janeiro. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, . Orientador: Alberto Lopes Najar.

9.
Kátia Waléria Vieira da Cunha. A produção científica no Brasil nos anos de 2003 a 2008 sobre a Síndrome de Burnout e docência. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, . Orientador: Alberto Lopes Najar.

10.
Alessandra Maria Silva Pinto. Cultura e instituições de saúde: percepções de funcionários de serviços de atenção básica acerca de alguns traços da sociedade brasileira presentes em sua rotina de trabalho. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, . Orientador: Alberto Lopes Najar.

11.
Christina Zackiewcz. Investigação das práticas de automedicação em pacientes crônicos sob terapia medicamentosa. 2003. 66 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Saúde Pública) - Escola Nacional de Saúde Pública, Fundação Oswaldo Cruz. Orientador: Alberto Lopes Najar.

Tese de doutorado
1.
Fabio de Faria Peres. Lazer, juventude e sociabilidade em um conjunto de favelas cariocas. 2006. Tese (Doutorado em Doutorado) - Escola Nacional de Saúde Pública, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Alberto Lopes Najar.

2.
Luciana Dias de Lima. FEDERALISMO, RELAÇÕES FISCAIS E FINANCIAMENTO DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE: A DISTRIBUIÇÃO DE RECEITAS VINCULADAS À SAÚDE NOS ORÇAMENTOS MUNICIPAIS E ESTADUAIS. 2006. Tese (Doutorado em Saúde Coletiva) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, . Coorientador: Alberto Lopes Najar.

Iniciação científica
1.
Miguel Gabriel Ribeiro Miguel. Indices e indicadores para medição de desigualdades. 2003. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Faculdade de Estatística) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Alberto Lopes Najar.

Orientações de outra natureza
1.
Fernanda Realeiro. Indice de Desenvolvimento da Familia - adaptaçao. 2005. Orientação de outra natureza - Escola Nacional de Saúde Pública. Orientador: Alberto Lopes Najar.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 16:15:00