Kátia Sento Sé Mello

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1715387197125009
  • Última atualização do currículo em 20/11/2018


Professora do Departamento de Politica Social e Serviço Social Aplicado e do Programa de Pós-Graduação em Serviço Social da ESS da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Líder do Grupo de Pesquisa Sociabilidades Urbanas, Espaço Público e Mediação de Conflitos (GPSEM)/CNPq. Membro efetivo da Associação Brasileira de Antropologia. Doutora em Antropologia pelo PPGA/ICHF da Universidade Federal Fluminense, com estágio sanduiche pela convenção Capes-Cofecub na Université Paris X-Nanterre (2007). Possui Mestrado em Sociologia pelo PPGSA/IFCS da Universidade Federal do Rio de Janeiro (1994) e Bacharelado em Ciências Sociais pelo IFCS/UFRJ (1987). Pesquisadora associada ao INCT-Ineac/Nufep/UFF e ao NUSIS-ESS e NECVU-IFCS/UFRJ. Tem experiência e publicações nas seguintes areas tematicas: Antropologia do Direito; Administração Institucional de Conflitos; Mediação de conflitos no Brasil e na Argentina; Guarda Municipal; Camelôs; Politicas Publicas de Segurança; Analise Criminal e Prevenção da Violência; Relaçoes Raciais e Mercado de Trabalho. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Kátia Sento Sé Mello
Nome em citações bibliográficas
MELLO, K. S. S.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Rio de Janeiro, Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado.
Av. Pasteur, 250 - Praia Vermelha, ESS
Botafogo
22290240 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (021) 38735380
Fax: (021) 25428148
URL da Homepage: http://www.ess.ufrj.br


Formação acadêmica/titulação


2002 - 2007
Doutorado em Antropologia.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
com período sanduíche em Université de Paris X, Nanterre (Orientador: Daniel Cefai).
Título: Igualdade e Hierarquia no espaço publico: analise de processos de administração institucional de conflitos no municipio de Niteroi, Ano de obtenção: 2007.
Orientador: Roberto Kant de Lima.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Administração de Conflitos; Camelôs; Espaço público; Estado; Guarda Municipal; ordem social.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Conflito e Violência Urbana.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia Jurídica.
Setores de atividade: Educação; Administração Pública, Defesa e Seguridade Social; Outros.
1989 - 1994
Mestrado em Sociologia e Antropologia.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Uma representação do pequeno produtor rural: leitura da revista Proposta,Ano de Obtenção: 1994.
Orientador: Neide Esterci.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: ONG; Pequeno Produtor Rural; Intelectual; FASE; Igreja; Discurso.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Urbana.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação.
Setores de atividade: Educação Superior; Outros.
1981 - 1987
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.


Pós-doutorado


2016
Pós-Doutorado.
Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito / Especialidade: Antropologia Jurídica.
Grande Área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Teoria do Direito / Especialidade: Sociologia Jurídica.


Formação Complementar


2018
Curso de Psicanálise Lacaniana. (Carga horária: 30h).
Privado, PR, Brasil.
2018 - 2018
Extensão universitária em Fundamentos e atualidade da Clínica Psicanalítica. (Carga horária: 36h).
Formações Clínicas do Campo Lacaniano, FCCL, Brasil.
2017 - 2017
Mediation Clinic - Adult Family Mediation: Transforming family feduds. (Carga horária: 3h).
Community Boards San Francisco, ADR PROGRAMS/CB, Estados Unidos.
2016 - 2016
Mediação judicial X extrajudicial: diferenças, formação e remuneração. (Carga horária: 4h).
AJURIS: Escola Superior da Magistratura, AJURIS, Brasil.
2016 - 2016
Audiência de Custódia e alternativas penais ao encarceramento. (Carga horária: 2h).
Ministério Público Federal, MPF, Brasil.
2011 - 2012
Pós Doutorado curta duração. (Carga horária: 40h).
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
2009 - 2009
Mediação Judicial de Conflitos. (Carga horária: 64h).
Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, TJ/RJ, Brasil.
2005 - 2005
Le Rôle du Sociologue dans la Construction des Pol.
Institut de Recherche sur les Sociétés Contemporaines, IRESCO, França.
2004 - 2005
Formes de l?Action et du Jugement: Chose Publique,.
Ecole de Hautes Etudes en Sciences Sociales, 'EHESS, França.
2004 - 2005
Le Public en Action.
Université de Paris X, Nanterre, Paris X, França.
2004 - 2005
Les arénnes publiques et l?action colletive.
Universidade de Paris X Nanterre, 1, França.


Atuação Profissional



Universidade Nacional de Salta, UNSA, Argentina.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Pesquisadora do NUSIS, Enquadramento Funcional: Pesquisdor Integrante
Outras informações
Pesquisadora do Núcleo Cultura Urbana, Sociabilidade e Identidade Social (NUSIS), do Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado/ESS/UFRJ. O grupo de pesquisa, através de seus sub projetos, insere-se no campo de pesquisa das ciências sociais sobre a sociedade brasileira contemporânea, priorizando a perspectiva antropológica. Desta forma, a análise da construção social de valores, de representações e da prática social está presente nas diversas pesquisas do grupo. A sociabilidade na metrópole do Rio de Janeiro, configurada em diferentes formas e contextos sociais, constitui o centro das questões teóricas e metodológicas envolvendo problemas e temas fundamentais para a compreensão da sociedade moderno-contemporânea. O indivíduo na sociedade e na rede de sociabilidade; o cotidiano na perspectiva dos grupos e dos sujeitos sociais; as instituições como a família, a igreja, a polícia; as idades da vida, as gerações, as relações de gênero e a sexualidade; a violência, as políticas públicas; administração institucional de conflitos; sentidos de justiça; demandas por direitos; o consumo e as novas tecnologias compõem nossas áreas de pesquisa. As produções das professoras e dos orientandos de graduação e de pós-graduação têm sido fundamentais para a participação da universidade nas discussões sobre políticas públicas em alguns de seus setores como família, velhice, juventude, área urbana e segurança pública. O debate é realizado em diferentes fóruns com representantes do estado, com grupos da sociedade organizada e com categorias profissionais. A inserção do grupo Cultura urbana, sociabilidade e identidade social nestes espaços e a participação em congressos, seminários e as publicações em revistas e livros contribuem para a constante reflexão sobre as perspectivas teóricas e metodológicas e levantam novos temas de pesquisa.

Vínculo institucional

2002 - Atual
Vínculo: Integrante NECVU-IFCS/UFRJ, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 0
Outras informações
Integrante do Núcleo de Estudos da Cidadania, Conflito e Violência Urbana (NECVU), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), traduz o empreendimento de professores e alunos que, ao longo dos últimos anos, estiveram se dedicando aos temas contemporâneos sobre a realidade urbana a partir da perspectiva das ciências sociais. Criado e coordenado pelo Professor Michel Misse, em 1999, vem agregando pesquisadores bolsistas, colaboradores e visitantes que somam esforços aos pesquisadores permanentes do Núcleo que, por sua vez, também realizam atividades docentes no Instituto de Filosofia e Ciências Sociais. Nossa missão é difundir o conhecimento já acumulado e consolidar os estudos, entre outros temas, sobre violência urbana, considerando a contribuição fundamental que a temática e as ações práticas de segurança têm sobre as políticas públicas em geral. Neste sentido, o Núcleo se abre à participação de pesquisadores de outros centros, dentro e fora do país, a fim de fortalecer os traços de análise comparativa sobre a realidade do Estado do Rio de Janeiro e as inserções nas questões da cidadania, tratando a diversidade das interações sociais no ambiente urbano.

Vínculo institucional

2009 - 2017
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programa de Pós Graduação em Serviço Social - ESS/UFRJ, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Políticas de Ação Afirmativa.
08/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comitê de Ética em Pesquisas Humanas e Sociais e Sociais Aplicadas, .

Cargo ou função
Representante da Escola de Serviço Social UFRJ.
04/2010 - Atual
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Serviço Social, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos especiais: Mediação judicial de conflitos e acesso a direitos no Brasil:
08/2009 - Atual
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Análise de Indicadores Sociais
Antropologia Social
Identidades Culturais
Orientação de Trabalho de Conclusão de Curso
Planejamento e Projetos Sociais
Seminário de Trabalho de Conclusão de Curso
Teoria Política
Tópicos Especiais - Conflito no Judiciário
Tópicos Especiais - Justiça
Tópicos Especiais II - Conflitos
Tópicos Especiais III - Justiça
5/2009 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado, .

11/2015 - 08/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comitê de Ética em Pesquisas Humanas e Sociais e Sociais Aplicadas, .

Cargo ou função
Representante da Escola de Serviço Social.
11/2015 - 08/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comitê Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica, .

Cargo ou função
Representante do CFCH/UFRJ no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC).
02/2016 - 07/2016
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Orientação de TCC II
02/2016 - 06/2016
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Identidades Culturais Diurno
02/2016 - 06/2016
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Identidades Culturais (noturno)
08/2015 - 12/2015
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Política e Serviço Social
08/2015 - 12/2015
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Identidades Culturais
08/2015 - 12/2015
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Orientação de TCC II
03/2013 - 10/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola de Serviço Social - UFRJ, .

Cargo ou função
Representante do CFCH/UFRJ no Comitê do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica - PIBIC/UFRJ.
02/2015 - 07/2015
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Política e Serviço Social
02/2015 - 07/2015
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Orientação TCC 1
02/2015 - 07/2015
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Orientação TCC II
02/2015 - 06/2015
Ensino, Serviço Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Identidades Culturais (diurno)
09/2014 - 09/2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola de Serviço Social - UFRJ, .

Cargo ou função
Mesária no processo eleitoral para a Direção da Escola de Serviço Social - 2014 a 2018.
05/2014 - 05/2014
Extensão universitária , Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado, .

Atividade de extensão realizada
Aula sobre o tema "Dilemas na administração de conflitos no judiciário do Rio de Janeiro: a alienação parental em questão".
04/2011 - 08/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola de Serviço Social - UFRJ, .

Cargo ou função
Congregação da ESS: representante do Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado.
04/2011 - 07/2013
Direção e administração, Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
04/2013 - 05/2013
Ensino, CESPEB "Saberes e Práticas na Educação Básica", Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Violência e Relações Sociais na Contemporaneidade
03/2011 - 05/2013
Direção e administração, Escola de Serviço Social - UFRJ, .

Cargo ou função
Membro da Egrégia Congregação da Escola de Serviço Social na qualidade de Chefe do Dpto. Política Social.
05/2009 - 03/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado, .

Cargo ou função
Integrante organização Jornada de Iniciação Científica 2009 - ESS/CFCH/UFRJ.
08/2011 - 12/2011
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Serviço Social, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Administração de conflitos, Judiciário e Democracia
04/2010 - 03/2011
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado, .

Cargo ou função
Comissão de organização da XXXII Jornada de Iniciação Científica da UFRJ.
05/2010 - 06/2010
Extensão universitária , Departamento de Política Social e Serviço Social Aplicado, .

Atividade de extensão realizada
Aula sobre o tema "Alienação Parental" no Curso de Extensão Direitos Sexuais e Reprodutivos do Centro de Cidadania da Praia Vermelha.
11/2009 - 11/2009
Extensão universitária , Escola de Serviço Social - UFRJ, .

Atividade de extensão realizada
Aula sobre o tema "Violência contra a pessoa idosa" no Curso de Extensão Terceira Idade: amadurecendo idéias sobre a 'idade madura'" do Centro de Cidadania da Praia Vermelha.
05/2009 - 07/2009
Ensino, Programa de Pós Graduação em Serviço Social, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Colaboração na disciplina de Seminário de Tese 1° semestre 2009

Instituto de Filosofia e Ciências Sociais, IFCS, Brasil.
Vínculo institucional

1991 - 1992
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0
Outras informações
Pesquisadora do "Cadastro de Levantamento Sócio-Econômico dos produtores rurais do município de Angra dos Reis" promovido pelo Núcleo de Estudos Rurais-Laboratório de Pesquisa Social/IFCS/UFRJ; Núcleo de Agricultura e Meio Ambiente - FEA/UFRJ; Secretaria de Agricultura e Pesca de Angra dos Reis. Coordenadores: Prof. Gian Mario Giuliani (IFCS); Prof. René Louis de Carvalho (FEA); Ego. agrônomo Eduardo Moruzzi (SAP de Angra dos Reis)

Vínculo institucional

1988 - 1989
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0
Outras informações
Pesquisadora do projeto "Abolição" - levantamento e catalogação dos eventos e publicações do Centenário da Abolição. Promovido: Fundação Ford, Associação Cultural de Estudos Contemporâneos/Faculdade de Comunicação/UFRJ, Núcleo da Cor/IFCS/UFRJ Cooredenação: Prof. Yvonne Maggie, Prof. Caetana Damasceno, Prof. Julio Braga, Prof. Lilia Schuwarcz, Prof. Maria Laura Viveiros de Castro, Prof. Patrícia Birman Publicação do Catálogo Abolição

Vínculo institucional

1986 - 1989
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0
Outras informações
Pesquisadora-bolsista do CNPq no Núcleo da Cor - núcleo do Laboratório de Pesquisa Social do IFCS/UFRJ sob coordenação e orientação da Prof. Yvonne Maggie. Desenvolvi várias atividades como bolsista de Iniciação Científica do CN Pq e bolsista de aperfeiçoamento do CNPq. Organizadora do ciclo mensal de seminários do "Encontro Macumba", promovido pelo Núcleo da Cor e pelo Centro de Estudos Afro-Asiáticos/Universidade Cândido Mendes e Grupo de Trabalho André Rebouças/UFF

Atividades

2/2000 - 5/2002
Pesquisa e desenvolvimento , Ufrj, Nucleo de Estudos da Cidadania Conflito e Violência Urbana.


Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 20
Outras informações
Curso de Pós-Graduação Lato Senso Políticas Públicas de Justiça Criminal e Segurança Pública - ICHF - Universidade Federal Fluminense. Disciplina: Mediação de Conflitos

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 30
Outras informações
PROJETO DE EXTENSÃO EM POLÍTICAS PÚBLICAS: Curso de Capacitação em Políticas Públicas de Segurança Pública, Social e Municipal para a Guarda Municipal de Niterói/RJ Coordenação acadêmica.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 16
Outras informações
Ministrou a disciplina: A previsão normativa e a competência da Guarda Municipal. PROJETO DE EXTENSÃO EM POLÍTICAS PÚBLICAS: Curso de Capacitação em Políticas Públicas de Segurança Pública, Social e Municipal para a Guarda Municipal de Niterói/RJ.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 16
Outras informações
Ministrou a disciplina: Análise e discussão crítica das relações humanas no cotidiano das Guardas Municipais. PROJETO DE EXTENSÃO EM POLÍTICAS PÚBLICAS: Curso de Capacitação em Políticas Públicas de Segurança Pública, Social e Municipal para a Guarda Municipal de Niterói/RJ.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 20
Outras informações
Ministrou a disciplina: Políticas Públicas e Mediação de Conflitos Curso de Pós-Graduação Lato Senso: Especialização em organização e gestão em Justiça Criminal e Segurança Pública. Instituto em Ciências da Sociedade e Desenvolvimento Regional - Universidade Federal Fluminense - Campus Campos dos Goytacazes - RJ

Vínculo institucional

2002 - 2006
Vínculo: Pesquisadora Assistente, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 0
Outras informações
Coordenação acadêmica do Curso de Capacitação da Guarda Municipal de Niterói e professora do mesmo curso. Disciplinas ministradas: Sociologia da Violência, Mídia e Violência.

Atividades

02/2009 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Núcleo de Ensino Pesquisa Extensão em Administração Institucional Conflitos.

05/2016 - 06/2016
Ensino, Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Antropologia e análise de Políticas Públicas
Mediação e Conciliação de Conflitos
02/2016 - 04/2016
Ensino, Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Antropologia e análise de Políticas Públicas
Mediação e Conciliação de Conflitos
Políticas Públicas Municipais de Segurança Pública
02/2009 - 04/2016
Pesquisa e desenvolvimento , Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação, Núcleo de Ensino Pesquisa Extensão em Administração Institucional Conflitos.

11/2002 - 11/2006
Ensino,

Disciplinas ministradas
Espaço público: lazer, turismo e trabalhadores urbanos
Mídia e Violência
Sociologia da Violência
7/2002 - 11/2006
Extensão universitária , Centro de Estudos Gerais, Departamento de Antropologia.

Atividade de extensão realizada
Coordenação do curso de Capacitação da Guarda Municipal de Niterói.

Instituto de Estudos em Administração Institucional de Conflitos, INCT-INEAC, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador Associado/Nufep-UFF
Outras informações
O Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia - Instituto de Estudos Comparados em Administração Institucional de Conflitos (INCT-InEAC), da Universidade Federal Fluminense, coordenado pelo Prof. Roberto Kant de Lima, foi aprovado em fevereiro de 2009, pelo Ministério de Ciência e Tecnologia, através da iniciativa do Programa "Institutos de Ciência e Tecnologia" - Edital 15/08 -, proposta pelo CNPq em pareceria com a FAPERJ. Está vinculado à Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação da Universidade Federal Fluminense e tem como unidade administrativa o Núcleo Fluminense de Estudos e Pesquisas, do Instituto de Ciências Humanas e Filosofia da UFF. É integrado por núcleos de pesquisa e programas de pós-graduação de diferentes estados do Brasil, a saber: Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Distrito Federal. Também conta com a participação de grupos e de pesquisadores associados e consultores internacionais da Argentina, França, Canadá, Portugal, Alemanha e Angola. Constituiu-se para promover um Programa de Pesquisa e Formação, nas áreas de Ciências Humanas e de Ciências Sociais, a respeito das formas institucionais de administração de conflitos nos diferentes âmbitos dos sistemas de Segurança Pública e de Justiça Criminal. Seu principal objetivo é, assim, a produção de pesquisas empíricas, em suas bases quantitativas e qualitativas, que permitam propor e avaliar políticas públicas, em nível federal, estadual e municipal, na área da Segurança Pública e do Acesso à Justiça, bem como desenvolver tecnologias de intervenção social nesses campos. O foco do projeto do InEAC é a análise da natureza diferenciada dos conflitos tratados pelos sistemas mencionados, atendendo às distinções qualitativas entre categorias como conflito, crime, violência física, insulto moral, entre outras possíveis. Assim, é objetivo do Instituto produzir conhecimento empírico e teórico sobre as lógicas de tratamento e administração institucional de confli


Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: provisório
Outras informações
Supervisão: Prof. Dr. Rodrigo Ghiringhelli de Azevedo - coordenador do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS) e do Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas de Segurança e Administração da Justiça Penal (GEPESC)

Atividades

08/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Grupo de Políticas Públicas de Segurança e Administração da Justiça Penal, .

Linhas de pesquisa
Violência e Cidadania
08/2016 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Grupo de Políticas Públicas de Segurança e Administração da Justiça Penal, Grupo de Políticas Públicas de Segurança e Administração da Justiça Penal.

Atividade realizada
Participação das reuniões de pesquisa do GEPESC e debate de trabalhos.
08/2016 - 11/2016
Ensino, Doutorado em Ciências Sociais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Política Criminal, Violência e Segurança Pública - compartilhada com Rodrigo Ghiringhelli de Azevedo

Universidad Nacional Del Centro de La Provincia de Buenos Aires, UNICEN, Argentina.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: temporário, Carga horária: 8
Outras informações
Professora no Curso de Capacitación y Actualización, na Facultad de Derecho/Azul, Ar, "Antropología, Derecho y Mediación: diálogos y perspectivas", juntamente com Juan Pablo Matta e Mariana Inés Godoy. O curso foi dirigido à mediadores, estudantes de Direito e Antropologia. Facultad de Ciências Sociales de Olavarría de la UNCPBA

Atividades

09/2016 - 10/2016
Ensino, Capacitación Antropología, Derecho y Mediación: diálogos y perspectivas, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
ELEMENTOS PARA ANTROPOLOGIA DO DIREITO EM SOCIEDADES CONTEMPORÂNEAS
Mediação de conflitos: olhares cruzados entre Rio de Janeiro e Buenos Aires

Universidad Nacional de Salta, UNSA, Argentina.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: temporário, Carga horária: 8
Outras informações
Professora no Curso de Capacitación y Actualización en la Facultad de Humanidades, Antropologia, Derecho y Mediación: diálogos y perspectivas, junto aos professores Juan Pablo Matta e Mariana Inés Godoy. O curso foi homologado por el Ministerio de Derechos Humanos y Justicia del Gobierno de la Provincia de Salta (Res. 455/16) y cuentó con el aval del Instituto de Investigaciones en Ciencias Sociales y Humanidades (ICSOH-UNSa - CONICET) y de la Maestría y Especialidad en Derechos Humanos de la Facultad de Humanidades de la UNSa.


Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2009 - 04/2009
Ensino, Antropologia Jurídica, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia Juridica

Faculdades Integradas Hélio Alonso, FACHA, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2009
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: professora assistente, Carga horária: 26
Outras informações
Professora no Departamento de Fundamentos da Comunicação. Coordenação: Prof. Drauzio Gonzaga.

Atividades

02/2000 - 01/2009
Ensino, Comunicação Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia do Lazer e do Turismo
Sociologia da Comunicação
Introdução à Sociologia
Cultura Brasileira

Instituto de Segurança Publica, ISP, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2008
Vínculo: VP, Enquadramento Funcional: Assessora Chefe, Carga horária: 40


Sociedade Unificada de Ensino Superior, SUAM, Brasil.
Vínculo institucional

1994 - 1995
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Auxiliar, Carga horária: 20

Atividades

2/1994 - 12/1995
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Fundamentos das Ciências Econômicas e Sociais
Introdução às Ciências Sociais
Sociologia Geral

Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, TJ/RJ, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2013
Vínculo: voluntária, Enquadramento Funcional: Voluntária
Outras informações
Mediadora Voluntária do TJ-RJ


British Council, BC, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 2000
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 40

Atividades

11/1999 - 3/2000
Serviços técnicos especializados , British Council, Department Of Information.

Serviço realizado
Orientação educacional e comunicação via e.mail.

University of California Hastings College of the Law, UCHASTINGS, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Scholar in Residence, Enquadramento Funcional: Scholar in Residence, Carga horária: 3
Outras informações
Colaboradora no Seminário Law and Social Anthropology, sob a supervisão do Prof. George Bisharat; Desenvolvimento de pesquisa de campo no Center for Conflict Resolution da UCHastings College of the Law. Apresentação de uma aula sobre Comparative Aspects of Conflict Mediation in Brazil and Argentina, dirigida pelo Prof. Shirish Gupa.



Linhas de pesquisa


1.
SIV: Sistema de Informação em Criminalidade, Violência e Justiça Criminal no Estado do Rio de Janeiro

Objetivo: Visou obter, pesquisar ou coletar dados para a construção do banco de dados sobre o tema no Rio de Janeiro.Incorporou dados do antigo Distrito Federal e atualizou os dados contemporâneos, oferecendo aos pesquisadores e ao público em geral acesso fácil a informações que antes se encontravam dispersas ou mesmo desconhecidas..
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Outras Sociologias Específicas.
Setores de atividade: Administração pública, defesa e seguridade social; Atividades profissionais, científicas e técnicas; Educação.
Palavras-chave: Estatísticas Policiais; Incidência Criminal; Metodologia de Estatísticas Policiais; Segurança Pública; Violência.
2.
Concepções e sentidos de ?igualdade?, ?cidadania? e ?violência?

Objetivo: Essa linha buscará identificar e analisar os sentidos atribuídos pelos interlocutores das pesquisas, em especial no campo do direito, do judiciário e da segurança pública, a categorias tais como ?igualdade?, ?cidadania?, ?democracia?, ?justiça?, ?desigualdade?, ?violência?, entre outras. Dessa forma, levará em consideração a permanente tensão entre modelos normativos e abstratos da realidade social (por exemplo, aqueles consolidados e reproduzidos nas leis, estatutos, na doutrina jurídica e em modelos institucionais como o ?estado democrático de direito?) e éticas e moralidades que orientam as ações e práticas dos atores. Nesse sentido, terá como um de seus focos principais a observação e descrição dos processos de produção, construção e legitimação (ou não) de sensos de justiça e de sensibilidade jurídicas e/ou morais específicas e locais..
3.
Práticas institucionais, processos de administração de conflitos e moralidades

Objetivo: Essa linha de pesquisa terá como foco principal a análise das formas de atuação e intervenção das instituições estatais, em processos específicos de administração institucional de conflitos. Trata-se de identificar e de compreender como as instituições lidam de forma conflituosa com os procedimentos e normas a elas prescritos, conforme certas tradições institucionais, nas ocasiões que envolvem a administração dos conflitos pelos agentes e as pessoas neles envolvidas. Entende-se que nessas interações colocam-se em jogo valores morais e éticas corporativos e/ou institucionais que modulam as regras e práticas institucionais e conformam diferentes moralidades, mais ou menos em tensão..
4.
Igualdade e Hierarquia no espaço público: análise da administração institucional de conflitos

Objetivo: Projeto elaborado para realização da minha tese de Doutorado. Teve por objetivo principal a compreensão das abordagens sobre segurança pública, administração de conflitos e apropriação do espaço público a partir da descrição e interpretação das práticas e discursos presentes no campo de forças (Bourdieu, 1989) que se constituiu no espaço público do município de Niterói com a implementação de duas políticas públicas realizadas pela Secretaria de Segurança Pública e Direitos Humanos desta cidade no período compreendido entre junho de 2002 e junho de 2006..
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Outras Sociologias Específicas.
Setores de atividade: Educação; Outras atividades de serviços.
Palavras-chave: Camelôs; Espaço público; Estado; Gestão Publica no Brasil; Guarda Municipal; hierarquia.
5.
Cultura e Movimentos Sociais

Objetivo: Esta linha de pesquisa vincula-se à área de concentração "Cultura, Cidadania e Serviço Social", do Programa de Pós-Graduação em Serviço Social da ESS/UFRJ. O objetivo é a análise da dimensão cultural dos fluxos globais, dos processos de subjetivação e de construção de identidades coletivas. Movimentos sociais, relações de gênero e democracia participativa no Brasil..
6.
Violência e Cidadania


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
A prisão de mulheres no sistema prisional brasileiro: juízos morais e sujeição criminal
Descrição: O presente estudo tem como objetivo problematizar o processo de sujeição criminal das mulheres aprisionadas no sistema carcerário brasileiro contemporâneo. Para tanto, recepciona-se inicialmente o conceito sujeição criminal (Misse) que não se refere apenas a rótulos, a identidade social desacreditada, a incorporação de papéis e carreiras pelo criminoso (a). Realiza também a fusão entre evento/autor (a), ainda que o evento seja apenas potencial. Nessa perspectiva a sujeição criminal é compreendida como processo de subjetivação que segue seu curso na internalização do crime no sujeito, que o carregará como um ?espírito? que lhe tomou o corpo e a alma.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2018 - Atual
La producción sociocultural del conflicto y sus administraciones
Descrição: Os objetivos deste projeto são: conocer las dinámicas socioculturales del espacio público como arena de disputa singular identificando las sensibilidades legales, las gramáticas morales y los regímenes de justificación que dan formas a la producción y administración de conflictos en dicho ámbito; profundizar la comprensión de las formas por medio de las cuales las burocracias estatales administran diversas conflictividades enfocando en las singularidades que en cada caso asumen estos dispositivos a partir de la problematización de los sentidos de justicia, las lógicas institucionales, las nociones de derecho, ciudadanía, Estado, lo público, la participación, el castigo, la punición y el conflicto; documentar y analizar las dimensiones rituales y performativas del conflicto ponderando el lugar que las mismas revisten en los procesos de producción del mismo y en las eficacias de los dispositivos institucionales que buscan su administración; problematizar las dimensiones normativas (regulaciones administrativas y legales; pautas de reciprocidad; regímenes de intercambio; repertorios y valores morales) presentes en los conflictos que se analizan, buscando determinar la correlación entre regímenes normativos y producción de conflictividades..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Análise comparada de categorias jurídicas em processos sociais de administração de conflitos: democracia, igualdade jurídica, cidadania e demanda por direitos
Descrição: O objetivo desta pesquisa é analisar formas de administração de conflitos no espaço público em diferentes contextos sociais como no Brasil, na Argentina e na França, considerando a maneira como noções de democracia, igualdade jurídica, cidadania, liberdade e direitos são concebidas e operadas em processos sociais, formais e informais, de administração de conflitos nos contextos pesquisados. Trata-se de uma proposta que visa à observação de distintos campos empíricos nos quais estas noções tenham papel constitutivo. Os pesquisadores nele envolvidos desenvolvem pesquisas em Tribunais de Justiça, Ministério Público, Defensoria Pública, Escritórios de defesa do consumidor, espaços judiciais e não judiciais de administração de conflitos e outros. O objeto central deste projeto de pesquisa se debruça sobre a ambigüidade com que categorias como democracia, igualdade jurídica, liberdade, cidadania, são percebidas e operadas pelos atores sociais ? sejam eles profissionais do Direito ou não. Dada a centralidade com que tais categorias são tratadas nos discursos sobre acesso a direitos fundamentais, pretende-se estabelecer uma interlocução com os discursos da Constituição e das leis, o da doutrina jurídica e o de diferentes atores sociais envolvidos em conflitos formais e informais, entre os quais os profissionais do campo do Direito. Entre estes profissionais, destacamos de um lado, os juízes, promotores de justiça, defensores públicos, advogados, assistentes sociais e psicólogos, mas também os usuários dos serviços jurídicos a respeito do tema, com o propósito de identificar as possíveis significações que estas ideias fundamentais podem assumir entre tais atores. A importância deste projeto reside no fato de buscar explicitar a significação de categorias próprias do discurso jurídico contemporâneo ocidental, cuja significação nos contextos americano (de onde provém a inspiração da Common Law), brasileiro, argentino e francês é naturalizada como se fosse universal. Compreender o que a igualdade jurídica, a liberdade e a cidadania significam no mundo jurídico brasileiro significa compreender os mecanismos de caráter marcadamente garantistas do modelo de Estado Democrático de Direito e compreender os sistemas de onde foram transplantados. A análise sobre situações que põem em tensão dois modelos de controle social ? um inspirado pela Common Law e outro pela Civil Law ? que, no caso do Brasil, convivem em nossa cultura jurídica, pode ser útil para ajudar a refletir sobre alguns dos problemas colocados na administração de conflitos em distintas sociedades..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Coordenador / Mariana Inés Godoy - Integrante / Juan Pablo Matta - Integrante / Patrícia Silveira de Farias - Integrante.Financiador(es): Instituto de Estudos Comparados em Administração Institucional Conflitos - Auxílio financeiro.Número de orientações: 9
2017 - Atual
INCT ? Instituto de Estudos Comparados em Administração Institucional de Conflitos - INCT-InEAC
Descrição: O presente projeto aprovado na Chamada Nº 16/2014 INCT/MCT/CNPq/CAPES/FAPs do Programa Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia/CNPq, é resultado de articulação de uma rede nacional e internacional de instituições de ensino, pesquisa e extensão, reunidos há 06 anos no Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia/Instituto de Estudos Comparados em Administração Institucional de Conflitos (INCT/In-EAC), aprovado, em abril de 2009, na Chamada Nº 15/2008 MCT/CNPq/FNDCT/CAPES/FAPEMIG/FAPERJ/FAPESP/ Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia. Esse programa é aqui consolidado e ampliado no sentido de promover ainda mais o trabalho de interlocução, inédito no Brasil, entre as ciências sociais e as ciências socicais aplicadas, especialmente entre a Antropologia e o Direito. A rede reunida nesse projeto integra instituições ? grupos de pesquisa e programa de pós-graduação- de sete estados brasileiros (RJ, MG, SP, PE, BA, RS, DF) e cinco países (Canadá, Argentina, França, Estados Unidos, Portugal). Este novo INCT tem como escopo da atuação a análise dos processos de administração institucional de conflitos e as formas não institucionais, especialmente, os processos de demanda de direitos e por reconecimento por parte de diversos atores. Essas duas vias de pesquisa articulam-se com as ações propostas na área da transferência de conhecimento. No primeiro caso, trata-se de ações fortemente ancoradas nas tecnologias de formação, capacitação e interlocução como operadores dos sistemas de Segurança Pública, de Justiça e de outras burocracias estatais, gerando espaços de desconstrução e construção de matrizes e práticas institucionais e corporativas arraigadas nas formas de fazer do Estado no Brasil. No segundo caso, as ações serão inovadoras no sentido da construção de tecnologias sociais que promovam não a aplicação unilateral do conhecimento, mas a construção conjunta de formas de intervenção na esfera e no espaço públicos que considerem diferentes pontos de vista e reivindicações das pessoas envolvidas nos conflitos tratados pelas agências públicas. No campo da atuação internacional do Instituto, as estratégias são tendentes à internacionalização de nossos pesquisadores e não só da produção por eles elaborada, como a publicação em revistas estrangeiras e participação em eventos acadêmicos internacionais. O foco da internacionalização do presente projeto é vencer os obstáculos impostos pela exclusão de nossa área do Programa Ciência Sem Fronteiras, para promover o intercâmbio institucional e fluido entre pesquisadores, estudantes e professores dos países envolvidos, como vistas à troca de experiências de pesquisa, de ambientes acadêmicos mas, principalmente, para criar oportunidades para realização de pesquisas de campo em outros países, com a finalidade de produzir resultados que possam ser contrastados àqueles aqui obtidos. Assim, destaca-se que esse projeto se funda em uma perspectiva comparada e multidisciplinar de análise, pioneira no Brasil em relação à interlocução entre o Direito e as Ciências Sociais, no entendimento da Segurança Pública como um campo de disputas e consensos que vai além da criminalidade e da intervenção repressiva..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Investigaciones en Antropología Jurídica: Estudios de casos en torno a procesos de producción de derechos, regulaciones sociales y justicia
Descrição: Colaboradora Estrangeira CONICET-UNSa.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Estudio comparativo del desarrollo del campo de la mediación de conflictos en las ciudades de Salta y Olavarría
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Análise comparada de categorias jurídicas em processos sociais de administração de conflitos: democracia, igualdade jurídica, cidadania e demanda por direitos
Descrição: O objetivo desta pesquisa é analisar formas de administração de conflitos no espaço público em diferentes contextos sociais como no Brasil, na Argentina e na França, considerando a maneira como noções de democracia, igualdade jurídica, cidadania, liberdade e direitos são concebidas e operadas em processos sociais, formais e informais, de administração de conflitos nos contextos pesquisados. Trata-se de uma proposta que visa à observação de distintos campos empíricos nos quais estas noções tenham papel constitutivo. Os pesquisadores nele envolvidos desenvolvem pesquisas em Tribunais de Justiça, Ministério Público, Defensoria Pública, Escritórios de defesa do consumidor, espaços judiciais e não judiciais de administração de conflitos e outros..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (6) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Coordenador / Ana Carolina Lima dos Santos - Integrante / Rodolpho Hugo dos Santos Martins - Integrante / Juan Pablo Mata - Integrante / Mariana Inés Godoy - Integrante / Carlos Henrique Dantas Carozo - Integrante / Renata Gleici da Silva Vargas Duarte - Integrante / Lohrayne França Couto - Integrante / Flávia Santana da Silva - Integrante.Financiador(es): INCT - InEAC (UFF) - Auxílio financeiro.
2013 - 2015
Construindo uma educação de qualidade: análise das expectativas e obstáculos quanto à transformação do ensino público no Estado do Rio de Janeiro

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Simoni Lahud Guedes em 16/04/2014.
Descrição: A partir de uma perspectiva analítica inovadora e da reflexão multidisciplinar de pesquisadores qualificados, de vários níveis de formação, e de consultores internacionais, este projeto se propõe a compreender a escola como espaço de formação moral e também como local de confronto entre as culturas juvenis e as regras que normalizam as práticas escolares de professores e alunos, considerando as resistências e ressignificações que caracterizam o processo de socialização política na escola. Essa abordagem permite problematizar como as práticas pedagógicas são apropriadas pelos alunos, em especial nas interações que definem o cotidiano escolar e analisar as causas dos conflitos escolares e suas repercussões desqualificadoras na autoridade docente e na construção e conservação da ordem escolar, fator fundamental para se efetivar um ensino de qualidade. Por meio de métodos heterogêneos e complementares de pesquisas (qualitativos e quantitativos) pretende-se construir um conhecimento que possa subsidiar políticas públicas educacionais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2016
Liberdade de orientação sexual ou combate à homofobia: paradigmas em debate na administração institucional de conflitos em processos sociais de reconhecimento
Descrição: O objetivo desta pesquisa é analisar as formas de administração institucional de conflitos voltadas para os processos sociais de busca por direitos e reconhecimento de relações entre pessoas do mesmo sexo frente às instituições do Estado. Para tanto, pretende-se realizar etnografias acerca das atividades do Grupo Arco-Íris de Cidadania LGBT, criado em 19931 no Rio de Janeiro, destacando a sua atuação na elaboração e avaliação de políticas públicas voltadas para a promoção da cidadania da população lésbica, gay, bissexual, travestis e transexuais LGBT, em especial no que diz respeito às demandas pelo reconhecimento das uniões civis e da homoparentalidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Coordenador / Ana Carolina Lima dos Santos - Integrante / Murilo Motta - Integrante / Rodolpho Hugo dos Santos Martins - Integrante.Financiador(es): INCT - InEAC (UFF) - Auxílio financeiro.Número de orientações: 2
2010 - 2011
Utilização da conciliação e da mediação de conflitos no âmbito do Poder Judiciário
Descrição: o presente projeto propõe realizar pesquisas sobre processos de administração institucional de conflitos, de uma perspectiva comparada, em Tribunais Estaduais e Federais Brasileiros, nas cidades de Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília (DF) e São Carlos, com a finalidade de identificar quais são e em que consistem os diferentes usos dos institutos de administração de conflitos, da mediação e da conciliação, no âmbito do Poder Judiciário e, a partir disso, avaliar o impacto de tais usos na prestação jurisdicional oferecida à população. Além disso, considerando que a principal proposta do projeto é de natureza metodológica, o objetivo é trabalhar os temas da mediação e da conciliação sob uma perspectiva etnográfica, através de pesquisa de campo a ser realizada com base em dados empíricos, pretendendo-se compreender e explicitar os diferentes significados desses institutos atribuídos pelos diferentes operadores do campo jurídico e pelas partes usuárias do sistema, nos diferentes espaços e tempos em que são acionados, nas diferentes cidades propostas. Em tal sentido, insere-se na área temática 5, do Edital 01/2009 da Secretaria Nacional de Reforma do Poder Judiciário..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Integrante / Roberto Kant de Lima - Coordenador / Maria Stella Amorim - Integrante / Marcella Beraldo de Oliveira - Integrante / Camila Farias - Integrante / Fernanda Rodrigues - Integrante / Maria Aparecida dos Santos Coelho - Integrante / Marcelo da Nova Moreira Jermann - Integrante / Klever Paulo Leal Filpo - Integrante / Ana Paula Mendes de Miranda - Integrante / Jacqueline Sinhoretto - Integrante / Rodrigo Ghiringhelli de Azevedo - Integrante / Daniel Shroeter Simião - Integrante / Luiz Roberto Cardoso de Oliveira - Integrante.Financiador(es): Secretaria Nacional de Reforma do Poder Judiciário - Auxílio financeiro.
2009 - 2016
Programa de Pesquisa e Formação em Segurança Pública, Justiça Criminal e Processos de Administração Institucional de Conflitos. A proximidade e a macrocriminalidade, em perspectiva comparada. ? Instituto de Estudos Comparados em Administração Instituciona
Descrição: Este projeto foi aprovado para a formação de um Instituto na área induzida Segurança Pública, do Programa Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia na chamada MCT/CNPq/FNDCT/CAPES/FAPEMIG/FAPERJ/FAPESP nº 15/2008. Sua finalidade é a promoção de um Programa de Pesquisa e Formação, nas áreas de Ciências Humanas e de Ciências Sociais, a respeito das formas institucionais de administração de conflitos nos diferentes âmbitos dos sistemas de Segurança Pública e de Justiça Criminal. O foco do projeto está dado na análise da natureza dos conflitos tratados pelos sistemas mencionados, atendendo às distinções qualitativas entre categorias como conflito, crime, violência física, insulto moral, entre outras possíveis. Assim, o objetivo principal do Instituto é produzir conhecimento empírico e teórico sobre as lógicas de tratamento e administração institucional de conflitos por parte dos agentes públicos e sua relação com a natureza distinta desses conflitos. Para tanto, as pesquisas empíricas e discussões teóricas a serem produzidas no âmbito do Instituto terão como eixo a comparação entre as formas de administração institucional daqueles conflitos considerados menores, produto de relações de proximidade (vizinhança, parentesco, afinidade, amizade) e daqueles crimes classificados pelo campo jurídico como macrocriminalidade ou crime organizado. Esses dois tipos de conflitualidade envolvem não só mecanismos e lógicas de administração diferenciadas, por parte das agências de Segurança Pública e Justiça Criminal, mas também distintas moralidades no tratamento dos casos e das pessoas envolvidas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (81) / Mestrado acadêmico: (65) / Doutorado: (68) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Integrante / Lenin Pires - Integrante / Lucia Eilbaum - Integrante / KANT DE LIMA, Roberto - Coordenador / Maria Stella Amorim - Integrante / Fernanda Duarte Lopes Lucas da Silva - Integrante / Sofia Tiscornia - Integrante / Marco Antonio da Silva Mello - Integrante / Paulo Gabriel Hilu da Rocha Pinto - Integrante / Simoni Lahud Guedes - Integrante / Ana Paula Mendes de Miranda - Integrante / Glaucia Maria Pontes Mouzinho - Integrante / Fabio Reis Mota - Integrante / Jacqueline Sinhoretto - Integrante / Rodrigo Ghiringhelli de Azevedo - Integrante / Pedro Heitor Barros Geraldo - Integrante / Antonio Carlos Rafael Barbosa - Integrante / Daniel Schroeter Simião - Integrante / Edilson Marques - Integrante / Haydée Caruso - Integrante / Herbert Toledo Martins - Integrante / Jorge Zaverucha - Integrante / José Maria Nóbrega - Integrante / Lana Lage da Gama Lima - Integrante / Luis Roberto Cardoso de Oliveira - Integrante / Nalayane Mendonça Pinto - Integrante / Ronaldo Joaquim da Silveira Lobão - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa / Proppi - Auxílio financeiro / Proppi - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 8
2009 - 2016
Liberdade de orientação sexual ou combate à homofobia: paradigmas em debate na administração institucional de conflitos em processos sociais de reconhecimento
Descrição: O objetivo desta pesquisa é analisar as formas de administração institucional de conflitos voltadas para os processos sociais de busca por direitos e reconhecimento de relações entre pessoas do mesmo sexo frente às instituições do Estado. Para tanto, pretende-se realizar etnografias acerca das atividades do Grupo Arco-Íris de Cidadania LGBT, criado em 1993 no Rio de Janeiro, destacando a sua atuação na elaboração e avaliação de políticas públicas voltadas para a promoção da cidadania da população lésbica, gay, bissexual, travestis e transexuais LGBT, em especial no que diz respeito às demandas pelo reconhecimento das uniões civis e da homoparentalidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Coordenador / Bárbara Gomes Baptista Luppeti - Integrante / Aline dos Santos Steele - Integrante / Igor Alves Pinto - Integrante / Klever Flip - Integrante.Financiador(es): Instituto de Estudos Comparados em Administração Institucional Conflitos - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 5
2009 - 2013
Moralidades e sensibilidades jurídicas em processos sociais de administração de conflitos interpessoais no judiciário
Descrição: O principal objetivo deste projeto é analisar e compreender as abordagens sobre justiça, cidadania e direitos a partir da descrição das práticas e discursos referentes à administração de conflitos interpessoais no âmbito do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, particularmente aqueles que envolvem separações litigiosas e guarda de filhos. Para tanto, será realizada etnografia com os profissionais do TJ/RJ que têm atuado como técnicos do judiciário, ou seja, assistentes sociais e psicólogos, as pessoas que são encaminhadas às Varas de Família, bem como os operadores do Direito inseridos nos processos sociais de administração destes conflitos. O projeto objetiva, ainda, analisar os sentidos de justiça, cidadania, insulto moral, direitos que emergem dos processos sociais que constituem este campo de interações sociais e o papel dos assistentes sociais e psicólogos nos mesmos. Desde o início do ano de 2009 tem havido um empenho por parte de segmentos do TJ/RJ no sentido de implantar a mediação de conflitos como técnica alternativa à tradição jurídica de resolução de conflitos de ordem interpessoal. As transformações porque vem passando as instituições políticas na sociedade brasileira, tanto do ponto de vista do repertório legal quanto do ponto de vista da criação de institutos de efetivação e proteção de direitos civis não acontece no vazio, mas por meio de pessoas que os colocam em prática. Neste sentido, em que medida os profissionais constituídos enquanto mediadores de conflitos ? assistentes sociais e psicólogos -, sendo aqueles que ouvem a realidade das pessoas que buscam a mediação, selecionam das falas o que é próprio do seu saber? De que maneira atuam sobre a realidade na qual intervêm? Até que ponto uma política de implementação da mediação de conflitos no judiciário proporciona acesso à justiça? Este projeto significa acesso à justiça ou representa a ?judicialização? das relações familiares e de proximidade? A metodologia consistirá de: 1 ? Anál.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Coordenador / Marcella Beraldo de Oliveira - Integrante / Camila Farias - Integrante / Fernanda Rodrigues - Integrante / Maria Aparecida dos Santos Coelho - Integrante / Ana Carolina Lima dos Santos - Integrante / Marcelo da Nova Moreira Jermann - Integrante / Klever Paulo Leal Filpo - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Cooperação / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro / INCT - InEAC (UFF) - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2004 - 2006
Sociologia da experiência privada e pública no Brasil e na França - A República no cotidiano: conflitos sociais, ações coletivas, engajamentos associativos e provas pessoais (projeto CAPES-COFECUB n. 447/04)
Descrição: Análise comparada Brasil França: a república vivida e praticada na vida cotidiana. Método qualitativo: teoria moral e política, trabalho de campo, microsociologia. 1. Os fenômenos da violência e da incivilidade nos espaços urbanos; 2. De uma sociologia da intimidade à constituição dos problemas públicos, 3. Analítica dos sentimentos sociais e sociologia da ação coletiva...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2002 - 2007
Igualdade e Hierarquia no espaço público: análise da administração institucional de conflitos entre guardas municipais e camelôs
Descrição: Projeto de pesquisa desenvolvido no âmbito da realização da tese de doutorado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2000 - 2002
SIV: Sistema de Informação em Criminalidade, Violência e Justiça Criminal no Estado do Rio de Janeiro
Descrição: Projeto de Pesquisa:Visou obter, pesquisar ou coletar dados para a construção do banco de dados sobre o tema no Rio de Janeiro. coordenado pelo Prof. Michel Misse, Período: 02/2000 a 08/2002 Situação: Concluído ; Idioma:Português; Disponibilidade:Irrestrita; Instituição financiadora:FAPERJ; Divulgação:Vários; Observação:Incorporou dados do antigo Distrito Federal e atualizou os dados contemporâneos, oferecendo aos pesquisadores e ao público em geral acesso fácil a informações que antes se encontravam dispersas ou mesmo desconhecidas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Integrante / Cepeda, Alejandro Hugo - Integrante / Tavares, Paulo Gomes - Integrante / Vasconcelos, Iola - Integrante / Polessa, Julia - Integrante / Michel Misse - Coordenador.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1


Projetos de extensão


2017 - Atual
Curso de Extensão Violência e Segurança Pública: diagnóstico e possibilidades no Brasil Contemporâneo
Descrição: Curso de Extensão de Educação à Distância.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2014 - 2015
Curso de Capacitação em Políticas Públicas Públicas de Segurança Pública, Social e Municipal para a Guarda Municipal de Niterói
Descrição: Coordenação acadêmica, juntamente com Vivian Ferreira Paes..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2014 - 2015
Curso de Capacitação em Políticas Públicas de Segurança Pública Social e Municipal para a Guarda Municipal de Niterói
Descrição: Ministrei a disciplina: Análise e discussão crítica das relações humanas no cotidiano das Guardas Municipais.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2014 - 2015
Curso de Capacitação em Políticas Públicas de Segurança Pública, Social e Municipal para a Guarda Municipal de Niterói
Descrição: Ministrei a disciplina: A previsão normativa e a competência da Guarda Municipal.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2012 - Atual
Medidas sócio educativas em meio aberto
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2006 - 2008
Sistemas de justiça criminal e segurança pública, em uma perspectiva comparada: administração de conflitos e construção de verdades. Edital PRONEX 2006
Descrição: Este projeto propõe a constituição de um Núcleo de Excelência integrado por grupos de pesquisa interdisciplinares dos estados do Rio de Janeiro, Pernambuco, Minas Gerais e Distrito Federal, bem como da Argentina. A ênfase desta proposta é na compreensão e formulação de sugestões capazes de tornar mais visível e universal o processo de administração institucional de conflitos no espaço público, visando à produção de mecanismos de articulação e interação institucional entre as várias instituições e agentes do chamado Sistema Criminal Brasileiro..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2002 - 2008
Projeto de Diagnóstico e Curso de Capacitação da Guarda Municipal de Niterói
Descrição: Descrição: O projeto visava identificar os problemas que afetam o cotidiano da Guarda Municipal de Niterói e levantar propostas de resolução a partir da avaliação dos guardas municipais sobre qual deve ser sua função e como devem atuar. Este trabalho possibilitou a estruturação do quadro de disciplinas do Curso de Capacitação em Políticas de Segurança Pública e Social Municipal...
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (15) / Especialização: (5) / Mestrado acadêmico: (5) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Kátia Sento Sé Mello - Integrante / Ana Paula Mendes de Miranda - Integrante / Glaucia Maria Pontes Mouzinho - Integrante / Roberto Kant de Lima - Coordenador.


Membro de comitê de assessoramento


2014 - 2016
Agência de fomento: PIBIC-UFRJ


Revisor de periódico


2010 - 2010
Periódico: Dilemas: Revista de Estudos de Conflito e Controle Social
2011 - 2011
Periódico: Revista Sistema Penal e Violência - Faculdade de Direito/PPGCC-PUC/RS
2010 - 2010
Periódico: Revista Habitus
2014 - 2014
Periódico: Civitas: Revista de Ciências Sociais (Impresso)
2014 - 2014
Periódico: Antropolítica: Revista Contemporânea de Antropologia
2015 - 2015
Periódico: SEJED Revue Pluridisciplinaire de Recherche
2015 - 2015
Periódico: Dilemas: Revista de Estudos de Conflito e Controle Social
2015 - 2015
Periódico: Vivência:Rev de Antrop do Dpto. Antrop PPGA - UFRN
2016 - 2016
Periódico: Conversas e Controvérsias - PPGCS-PUC/RS


Revisor de projeto de fomento


2018 - 2018
Agência de fomento: Consejo Nacional de Investigaciones Cientificas y Tecnicas
2018 - 2018
Agência de fomento: Consejo Nacional de Investigaciones Cientificas y Tecnicas
2017 - 2017
Agência de fomento: Consejo Nacional de Investigaciones Cientificas y Tecnicas
2016 - 2016
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia Jurídica.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Administração de Conflitos.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia das Populações Afro-Brasileiras.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Outras Sociologias Específicas.
6.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia Rural.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2009
Edital Biblioteca Editora da EDUFF publicação de obras inéditas, Universidade Federal Fluminense.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
LUPETTI BAPTISTA, B.G.2016LUPETTI BAPTISTA, B.G. ; MELLO, K. S. S. ; FILPO, K. P. L. ; BORZINO, T. . Fronteiras entre judicialidade e não judicialidade: percepções e contrastes entre a Mediação no Rio de Janeiro e em Buenos Aires. REVISTA DE ESTUDOS E PESQUISAS SOBRE AS AMÉRICAS, v. 10, p. 1-24, 2016.

2.
MELLO, K. S. S.2016MELLO, K. S. S.. Mediação de conflitos e voluntariedade: olhares cruzados entre rio de Janeiro e Buenos aires. ANTROPOLÍTICA: REVISTA CONTEMPORÂNEA DE ANTROPOLOGIA, v. 40, p. 180-200, 2016.

3.
MUNIZ, J. O.2015MUNIZ, J. O. ; MELLO, K. S. S. . Nem tão perto, nem tão longe: o dilema da construção da autoridade policial nas UPPs. Civitas (Porto Alegre), v. 15, p. 44-65, 2015.

4.
MELLO, K. S. S.2014MELLO, K. S. S.; LUPETTI BAPTISTA, B.G. . Mediation and Settlements in the Judiciary: dilemmas and meanings. International Journal of Humanities and Social Science, v. 4, p. 202-214, 2014.

5.
MELLO, K. S. S.2014MELLO, K. S. S.; LUPETTI BAPTISTA, B.G. . Mediation and Settlements in the judiciary: dilemmas and meanings (online). International Journal of Humanities and Social Science, v. 4, p. 202-214, 2014.

6.
MELLO, K. S. S.2013MELLO, K. S. S.; Santos, A.C.L. . União homoafetiva: liberdade de orientação sexual ou normalização estatal da homossexualidade?. PRAIA VERMELHA (UFRJ), v. 22, p. 85-99, 2013.

7.
MELLO, K. S. S.2011 MELLO, K. S. S.; LUPETTI BAPTISTA, B.G. . Mediação e conciliação no judiciário: dilemas e significados. DILEMAS: REVISTA DE ESTUDOS DE CONFLITO E CONTROLE SOCIAL, v. 4, p. 97-122, 2011.

8.
MELLO, K. S. S.2010 MELLO, K. S. S.. Sofrimento e ressentimento: dimensões da descentralização de políticas públicas de segurança no Brasil. Revista de Antropologia (USP. Impresso), v. 2, p. 645-687, 2010.

9.
MELLO, K. S. S.2008MELLO, K. S. S.. ?O último elo da corrente?: uma experiência de redução de risco na Association Espoir de la Goutte D?Or. Comum (Rio de Janeiro), v. 13, p. 30-49, 2008.

10.
MIRANDA, A. P. M.2003MIRANDA, A. P. M. ; MOUZINHO, G. M. P. ; MELLO, K. S. S. . Os conflitos de rua entre a Guarda Municipal e os \. Comum (FACHA), Rio de Janeiro, v. 8, n.21, p. 39-65, 2003.

11.
MELLO, K. S. S.2002MELLO, K. S. S.. O intelectual e a construção de representações sociais. Comum (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. 7, n.18, p. 30-42, 2002.

12.
MELLO, K. S. S.2002 MELLO, K. S. S.. Igualdade e Hierarquia no espaço publico: o processo de constituiçao da Guarda Municipal de Niteroi enquanto ator social. Comum (FACHA), v. 11, p. 12-24, 2002.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MELLO, K. S. S.; LUPETTI BAPTISTA, B.G. (Org.) ; FILPO, K. P. L. (Org.) . Potencialidades e incertezas de formas não violentas de administração de conflitos no Brasil e na Argentina. 1. ed. Porto Alegre: Evangraf/Palmarinca, 2018. v. 1. 216p .

2.
MELLO, K. S. S.; MUNIZ, J. O. (Org.) ; AZEVEDO, Rodrigo Ghiringhelli de (Org.) ; Sinhoretto, J. (Org.) ; OBERLING, A. (Org.) ; SANTOS, J. V. T. (Org.) ; Misse, M. (Org.) ; FIGUEIRA, Marcele M. (Org.) ; DIAS, Camila Nunes (Org.) ; BARREIRA, Cesar (Org.) ; RATTON JUNIOR, J. (Org.) ; BRASIL, M.G.M. (Org.) ; KOPITTKE, A. (Org.) . Agenda de Segurança Cidadã: por um novo paradigma. 1. ed. Brasília: Câmara dos Deputados - Edições Câmara, 2018. 98p .

3.
MELLO, K. S. S.; Mota, F.R. (Org.) ; Sinhoretto, J. (Org.) . Sensibilidades Jurídicas e Sentidos de Justiça na contemporaneidade: interlocução entre Antropologia e Direito. 1. ed. Niterói: Editora da Universidade Federal Fluminense (Eduff), 2013. 350p .

4.
MELLO, K. S. S.. Cidade e Conflito: guardas municipais e camelôs. 1. ed. Niterói: EDUFF, 2011. 211p .

5.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Interação Policia e Sociedade. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2007. 50p .

6.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Legislações Especiais. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2007. 43p .

7.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Biossegurança e Abordagem de urgências. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2007. 45p .

8.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Recursos Didáticos. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2007. 72p .

9.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; NASCIMENTO, Nivio Caixeta do ; MELLO, K. S. S. . Segurança Pública, Segurança Social e Segurança Humana. 28. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006.

10.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Administração e Serviço Publico. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 48p .

11.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Pública, Segurança Social e Segurança Humana. Rio de Janeiro: ISP, 2006.

12.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Português Instrumental. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 32p .

13.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Ética e Direitos Humanos. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006.

14.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Gestão de novas tecnologias da informação. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 48p .

15.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Psicologia e estresse. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 40p .

16.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Áreas Integradas de Segurança Pública. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 69p .

17.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Planejamento de Ensino. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 36p .

18.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Processos de Avaliação. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 67p .

19.
MIRANDA, A. P. M. (Org.) ; MELLO, K. S. S. (Org.) . Controle da Ação Policial. 1. ed. Rio de Janeiro: ISP, 2006. 55p .

Capítulos de livros publicados
1.
MELLO, K. S. S.. Propostas para formular formas não violentas de administração de conflitos no âmbito de uma segurança pública no Brasil. In: Paulo TEIXEIRA. (Org.). Agenda de Segurança Cidadã: por um novo paradigma. 1ed.: Brasília, 2018, v. 1, p. 7-98.

2.
LUPETTI BAPTISTA, B.G. ; MELLO, K. S. S. ; FILPO, K. P. L. ; BORZINO, T. . Fronteiras entre os papéis de mediadores e advogados no Brasil e na Argentina. In: Mello, K.; Lupetti Baptista, B.; Filpo, K.. (Org.). Potencialidades e incertezas de formas não violentas de administração de conflitos no Brasil e na Argentina. 1ed.Porto Alegre: Evangraf/Palmarinca, 2018, v. 1, p. 13-43.

3.
MELLO, K. S. S.; AZEVEDO, Rodrigo Ghiringhelli de . Mecanismos Alternativos de resolução de conflitos na justiça brasileira: um balanço. In: Luiz Carlos Valois; Selma Santana; Taysa Matos; Bruno Espiñeira. (Org.). Justiça Restaurativa. 1ed.Belo Horizonte: D'Plácido, 2017, v. , p. 409-422.

4.
MELLO, K. S. S.. Notas sobre Guardas Municipais e as experiências de descentralização da segurança pública. In: Ana Paula Mendes de Miranda; Joelma de Souza Azevedo; Talitha Mirian do Amaral Rocha. (Org.). Políticas Públicas de Segurança Municipal. 1ed.Rio de Janeiro: Consequência, 2014, v. , p. 155-170.

5.
MELLO, K. S. S.. Discursos sobre Segurança Pública e alguns desafios para a sua descentralização no Brasil. In: Pastorini, A.; Alves, A.M.; Galizia, S.V.. (Org.). Estado e Cidadania: reflexões sobre as políticas públicas no Brasil contemporâneo. 1ed.Rio de Janeiro: FGV, 2012, v. 1, p. 175-200.

6.
MELLO, K. S. S.. SOFRIMENTO E DEMANDA SOCIAL: UMA POLÍTICA PÚBLICA MUNICIPAL EM NITERÓI. In: Cefai, D.; Mello, M.A.S.; Mota, F.R.M. e Berocan, F.. (Org.). Associativismo e arenas públicas. Niterói: EDUFF, 2011, v. , p. -.

7.
MELLO, K. S. S.. "O último elo da corrente": uma experiência de redução de risco na Association Espoir de la Goutte D'Or. In: Kant de Lima, R.; Mouzinho, G.M.P.; Nascimento, A.A.; Latini, J.L.. (Org.). Reflexões sobre Segurança Pública e Justiça Criminal numa perspectiva comparada. 1ed.Brasilia: Booklink Publicações, 2008, v. , p. 141-161.

8.
MELLO, K. S. S.. La fabrication d'un espace public sur des enjeux de sécurité dans la municipalité de Niteroi. In: TEISSERENC, Pierre; MILANEZ, Nilton; MAGALHAES, Sonia Barbosa. (Org.). Le Brésil à l'épreuve de la modernité: discours, savoir et pouvoir. 1ed.Paris: L'Harmattan, 2007, v. 1, p. 135-147.

9.
MAGGIE, Y. ; MELLO, K. S. S. . O que se cala quando se fala do negro no Brasil. In: Patrícia Birman; Jaime da Silva; Regina Wanderley. (Org.). Cativeiro e Liberdade. 1ed.Rio de Janeiro: UERJ/Timbre, 1989, v. , p. 30-45.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FREIRE, C. R. ; MELLO, K. S. S. . Encarceramento de mulheres e sistema de justiça criminal brasileiro. Justificando: mentes inquietas pensam direito - Carta Capital, Justificando - Carta Capital, p. 01 - 02, 27 fev. 2018.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
MELLO, K. S. S.; Baptista, B.G.L. . Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. In: XIX Congresso Nacional do Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito, 2010, Florianópolis. Desafios da Contemporaneidade do Direito: diversidade, complexidade e novas tecnologias, 2010.

2.
MELLO, K. S. S.; Baptista, B.G.L. . Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. In: II Seminário do INCT-InEAC/Nufep/UFF, 2010, Niterói. II Seminário do INCT-InEAC/Nufep/UFF, 2010.

3.
MELLO, K. S. S.; Baptista, B.G.L. . Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. In: 27ª Reunião Brasileira de Antropologia, 2010, Belém. 27ª Reunião Brasileira de Antropologia, 2010.

4.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MOUZINHO, Glaucia Maria Pontes ; MELLO, K. S. S. . Os conflitos de rua entra a guarda municipal e os camelôs no Rio de Janeiro. In: XXVII Encontro Anual da ANPOCS, 2003, Caxambu. XXVII Encontro Anual da ANPOCS, 2003.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MELLO, K. S. S.; Baptista, B.G.L. . Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. In: 27ª Reunião Brasileira de Antropologia, 2010, Belém. 27ª Reunião Brasileira de Antropologia, 2010.

2.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MOUZINHO, Glaucia Maria Pontes ; MELLO, K. S. S. . Os conflitos de rua entra a guarda municipal e os camelôs no Rio de Janeiro. In: XXVII Encontro Anual da ANPOCS, 2003, Caxambu. XXVII Encontro Anual da ANPOCS, 2010.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MELLO, K. S. S.; Baptista, B.G.L. . Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. In: XIX Congresso Nacional do Conselho Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Direito, 2010, Florianópolis. Desafios da Contemporaneidade do Direito: diversidade, complexidade e novas tecnologias, 2010.

Artigos aceitos para publicação
1.
MELLO, K. S. S.. Mediação de conflitos e voluntariedade: olhares cruzados entre Rio de Janeiro e Buenos Aires. Antropolítica: Revista Contemporânea de Antropologia, 2017.

Apresentações de Trabalho
1.
MELLO, K. S. S.; Lana Lage ; MIRANDA, A. P. M. ; CORREA, R. ; LOBAO, R. . ´Mesa A crença na igualdade em tempo de crise: direito à diferença. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
AZEVEDO, R. G. ; CHIES, L. A. B. ; MADEIRA, L. ; MELLO, K. S. S. ; Sinhoretto, J. . Painel XII Justiça, sistema penal e penas alternativas. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
Lima Fávero, R.A. ; MELLO, K. S. S. ; Rojas, K.A.G. . Adoção: uma perspectiva antropológia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MELLO, K. S. S.. Mediação de conflitos no Rio de Janeiro e Buenos Aires: dilemas e significados sob uma perspectiva comparada. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
MELLO, K. S. S.. Desafios e perspectivas da experiência antropológica no convênio Capes-Cofecub. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
MELLO, K. S. S.. Mediação de conflitos e voluntariedade: olhares cruzados entre Rio de Janeiro e Buenos Aires. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
MELLO, K. S. S.; Santos, A.C.L. . União homoafetiva: liberdade de orientação sexual ou normalização estatal da homossexualidade. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
MELLO, K. S. S.. Mediação de conflitos e 'expressão obrigatória dos sentimentos' no Rio de Janeiro e em Buenos Aires. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
MELLO, K. S. S.. Mediação de conflitos e ?expressão obrigatória dos sentimentos? em Buenos Aires. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
MELLO, K. S. S.; Luppeti, B.G.B. . Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
MELLO, K. S. S.; LUPETTI BAPTISTA, B.G. . Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
MELLO, K. S. S.. Souffrance et ressentiment: une politique de renouvellement des licences des "camelots" au Brésil. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
MELLO, K. S. S.; LUPETTI BAPTISTA, B.G. . Mediação e conciliação no judiciário: dilemas e significados. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MOUZINHO, Glaucia Maria Pontes ; MELLO, K. S. S. . XXVII Encontro Anual da Anpocs. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
VILLALTA, C. ; Mata, J.P. ; MELLO, K. S. S. . Arranjos Sociais, Mediações e Sentidos de Justiça. Brasília: Editora UnB, 2016 (Dossiê).

2.
VILLALTA, C. ; MATTA, J. P. ; MELLO, K. S. S. . Apresentação Dossiê Arranjos sociais, mediações e sentidos de justiça. Brasília, 2016. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

3.
MELLO, K. S. S.. Administração de conflitos sem tribunais: Os Ndendeuli do sudeste da Tanzânia (no prelo). Niterói: EDUFF, 2014. (Tradução/Artigo).

4.
MELLO, K. S. S.; Mota, F.R. ; Sinhoretto, J. . Para além da oposição entre Direito e Realidade Social. Niterói, 2013. (Prefácio, Pósfacio/Introdução)>.

5.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; NASCIMENTO, Nivio Caixeta do ; MELLO, K. S. S. . Segurança Pública, Segurança Social e Segurança Humana. Rio de Janeiro, 2006. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
MUNIZ, J.O. ; Poncioni, P.F. ; MELLO, K. S. S. ; Alves, B . Desenvolvimento do Programa de Polícia Pacificadora. 2012.

2.
MELLO, K. S. S.; MUNIZ, J.O. . Apoio à elaboração de plano executivo de ação no Estado do Rio de Janeiro: fortalecimento das capacidades institucionais para enfrentar a criminalidade e a violência - BID. 2011.

Trabalhos técnicos
1.
Vargas, J.D. ; MELLO, K. S. S. ; Paes, V.F. ; Marinho, F.C. . Contabilizando infrações: Diagnóstico e proposição de um modelo para a produção de dados sobre adolescentes em conflito com a lei no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte. 2012.

2.
Misse, Michel ; Cepeda, Alejandro Hugo ; MELLO, K. S. S. ; Vasconcelos, Iola ; Tavares, Paulo Gomes ; Polessa, Julia . Sistema de Informação da Criminalidade, Violência e Justiça Criminal do Estado do Rio de Janeiro. 2002.

3.
MAGGIE, Y. ; MELLO, K. S. S. ; et alli . Catálogo do Centenário da Abolição. 1989.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
MELLO, K. S. S.; Patrício, L. ; SANTOS, R. D. . Niterói espera assinar acordo para armar Guarda ainda neste mês Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/rio/bairros/niteroi-espera-assinar-acordo-para-armar-guarda-ainda-neste-mes-18859159#ixzz43BpNIg9c © 1996 - 2016. Todos direitos reservados a Infoglobo Comunicação e Participações S.A. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído s. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

2.
MELLO, K. S. S.. É necessário armar as Guardas Municipais? (artigo). 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
AZEVEDO, R. G. ; CHIES, L. A. B. ; MELLO, K. S. S. ; Sinhoretto, J. . Seminário Internacional Violência, Conflitos Sociais e Cidadania - promoção: ILEA/UFRGS. 2016. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

4.
MELLO, K. S. S.; MATTA, J. P. . Entrevista sobre Conferencia 'Antropología, políticas públicas y demandas de derecho'. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
MIRANDA, A. P. M. ; Lana Lage ; LOBAO, R. ; MELLO, K. S. S. ; CORREA, R. . IV Seminário Internacional do INCT-InEAC. 2016. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

6.
MELLO, K. S. S.. O que faz o Instituto de Segurança Pública. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

7.
MELLO, K. S. S.. Dossiê da Pessoa Idosa. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

8.
MELLO, K. S. S.. Políticas Públicas de Prevenção à Violência. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

9.
MELLO, K. S. S.. Workshop Metodologia das Estatísticas Policiais no Brasil. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

10.
MELLO, K. S. S.. Avaliação do relatório Trimestral da Anistia Internacional sobre violência policial no Brasil. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

11.
MELLO, K. S. S.. Dossiê Criança e Adolescente. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
MELLO, K. S. S.. É necessário armar as Guardas Municipais?. 2016; Tema: Cidade. (Site).


Demais tipos de produção técnica
1.
Vargas, J.D. ; MELLO, K. S. S. ; Paes, V.F. ; Almeida, K. ; CARMO, M. ; AMORIM, F. . Contabilizando Infrações diagnóstico e proposição de um modelo para a produção de dados sobre os adolescentes em conflito com a lei no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte. 2012. (Relatório de pesquisa).

2.
MELLO, K. S. S.; MUNIZ, J.O. . plano executivo de ação no Estado do Rio de Janeiro: fortalecimento das capacidades institucionais para enfrentar a criminalidade e a violência - BID. 2011. (Relatório de pesquisa).

3.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; Lana Lage ; MELLO, K. S. S. . Metodologia das Estatísticas Policiais no Brasil. 2007. (Relatório de pesquisa).

4.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MELLO, K. S. S. ; Dirk . Dossiê Criança e Adolescente. 2007. (Dossiê).

5.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MELLO, K. S. S. . Dossiê da Pessoa Idosa. 2007. (Dossiê).

6.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; AZEVEDO, A.L.V. ; MELLO, K. S. S. . Balanço das Incidências Criminais e Administrativas no Estado do Rio de Janeiro. 2007. (Relatorio).

7.
Misse, Michel ; Cepeda, Alejandro Hugo ; MELLO, K. S. S. ; Vasconcelos, Iola ; Tavares, Paulo Gomes ; Polessa, Julia . SIV: Sistema de Informação em Criminalidade, Violência e Justiça Criminal no Estado do Rio de Janeiro. 2002. (Relatorio).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
MELLO, K. S. S.. Programa Código de Barra. 2008.

2.
MELLO, K. S. S.. O Cidadão na rota do medo. Programa Na sua companhia. 2007.

3.
MELLO, K. S. S.. Workshop Metodologia das Estatísticas Policiais no Brasil. 2007.

4.
MELLO, K. S. S.. Avaliação do relatório Trimestral da Anistia Internacional sobre violência policial no Brasil ? Debate no Programa Espaço Público. 2007.

5.
MELLO, K. S. S.. Dossiê Criança e Adolescente. 2007.

6.
MELLO, K. S. S.. Dossiê Criança e Adolescente. 2007.

Demais trabalhos
1.
MELLO, K. S. S.. Sistema judicial e racismo contra afrodescendentes ? Brasil, Colômbia, Peru e República Dominicana. 2004 (Entrevista ao Centro de Estudos da Justiça das Américas (CEJA)) .

2.
Misse, Michel ; MELLO, K. S. S. . Quando crescer vou ser sociólogo: entenda como trabalha o pesquisador que estuda a sociedade humana. 2002 (Entrevista Ciência Hoje das Crianças/Ciência Hoje - RJ, 129) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
AZEVEDO, Rodrigo Ghiringhelli de; NASCIMENTO, A.A.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Maralice Fernandes Xavier. Participação social na gestão municipal da segurança pública, analisando o Conselho Municipal de Justiça e Segurança de Porto Alegre. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

2.
FIGUEIRA, L.E.V.; MELLO, K. S. S.; MENDES, R.L.T.; RENOLDI, B.. Participação em banca de Igor Alves Pinto. O que lutar quer dizer: o Grupo Tortura Nunca Mais do Rio de Janeiro e sua luta por justiça. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
GOMES, L.G.F.F.; MELLO, K. S. S.; SILVA, E. M. A.. Participação em banca de Rachel Salgueiro Rizério. Trabalhar cuidando e Cuidar trabalhando: etnografia em uma unidade hospitalar pública pediátrica. 2015. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

4.
MENEGAT, M.; MELLO, K. S. S.; BATISTA, V.M.S.W.. Participação em banca de Silvana Marcelina dos Santos. Crítica à estética do horror: jornalismo popular em tempos de crise social. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
FIGUEIRA, L.E.V.; MENDES, R.L.T.; MELLO, K. S. S.; VALPASSOS, C. A. M.. Participação em banca de Aline dos Santos Steele. O melhor interesse da criança: investigação dos significados da categoria no direito brasileiro partindo de um estudo de caso. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
MIRANDA, A. P. M.; MELLO, K. S. S.; Pires, L.. Participação em banca de Marcos Vinícius Moura Silva. Os Chinas 'invadiram' a praia: uma etnografia da Feira Hippie de Ipanema (Rio de Janeiro-Brasil). 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

7.
SILVA, E. M. A.; MELLO, K. S. S.; Mota, F.R.. Participação em banca de Vinicius Lima Loreto. Entre Igualdade e Pluralismo: dilemas da cidadania na Constituição Boliviana. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

8.
MELLO, K. S. S.; SILVA, E. M. A.; GUINDANI, M. K. A.. Participação em banca de Lidiane Figueira de Campos Malanquini. Os UPP e os gansos: um estudo sobre a relação entre jovens policiais e jovens moradores de favelas cariocas. 2014. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
MELLO, K. S. S.; MUNIZ, J. O.; Farias, P.. Participação em banca de Camila de Oliveira Farias. Jovens Policiais Militares do Rio de Janeiro: um estudo qualitativo sobre a trajetória de vida de soldados PM. 2014. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.; FREIRE, L. L.. Participação em banca de Vinícius Cruz Pinto. "Aldeia resiste": uma etnografia das estratégias políticas da "Aldeia Maracanã" no Rio de Janeiro. 2014. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

11.
SILVA, E. M. A.; MELLO, K. S. S.; MIRANDA, A. P. M.; PIRES, L.. Participação em banca de Vânia Regina do Nascimento. Dos tribunais do tráfico à mediação de conflitos: um estudo das representações sobre a administração institucional de conflitos em uma Unidade de Polícia Pacificadora. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

12.
MIRANDA, A. P. M.; Kant de Lima, Roberto; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Victor Cesar Torres de Mello Rangel. "Nem tudo é mediável": a invisibilidade dos conflitos religiosos e as formas de administração de conflitos de pacificação social (mediação e conciliação) no Rio de Janeiro. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

13.
MIRANDA, A. P. M.; Kant de Lima, Roberto; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Victor Cesar Torres de Mello Rangel. "Nem tudo é mediável": a invisibilidade dos conflitos religiosos e as formas de administração de conflitos no Rio de Janeiro. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

14.
Lana Lage; MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.; CARDOZO, H.A.B.. Participação em banca de Francisco José Pereira Melo. Práticas e Representações na Guarda Civil Municipal de Campos dos Goytacazes. 2013. Dissertação (Mestrado em Sociologia Política) - Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.

15.
PINTO, P.G.H.R.; MELLO, K. S. S.; GUEDES, S.L.; CHAGAS, G.F.; SCHIOCCHET, L.A.. Participação em banca de Daniele Regina Abilas Prates. O fio de Ariadne: deslocamento, heterotopia e memória entre refugiados palestinos em Mogi das Cruzes, Brasil e Burj al Barajneh, Líbano. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

16.
Miranda, A.P.M. (org); Lana Lage; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Victor Cesar Torres de Mello Rangel. Defesa Projeto: A mediação e a conciliação em dois Juizados Especiais Criminais: uma análise etnográfica sobre administração de conflitos. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

17.
Lana Lage; MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Francisco José Pereira Melo. Defesa de Projeto: O papel da Guarda Civil Municipal no contexto da Segurança Pública do município de Campos dos Goytacazes. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais e Políticas Públicas) - Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.

18.
SILVA, E. M. A.; MIRANDA, Ana Paula Mendes de; PIRES, L.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Vânia Regina do Nascimento. Dos Tribunais do tráfico à mediação de conflitos: um estudo das representações sobre a administração institucional de conflitos em uma Unidade de Polícia Pacificadora no Rio de Janeiro. 2012. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

19.
Kant de Lima, Roberto; Pita, M.; Mello, M.A..; MELLO, K. S. S.; Pires, L.. Participação em banca de Lidia Canellas da Costa. Camelô no camelódromo não fica na pista: uma etnografia acerca da construção e desconstrução de regras no Mercado Popular da Uruguaiana. 2010. Dissertação (Mestrado em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

20.
Martins, Herbert Toledo; MELLO, K. S. S.; Ferreira, Maria da Luz. Participação em banca de Karine Pereira Rocha. Adolescente em conflito com a lei e medidas sócio educativas em meio aberto: uma análise da rede de instituições no município de Montes Claros/MG. 2010. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Desenvolvimento Socia) - Universidade Estadual de Montes Claros.

21.
Kant de Lima, Roberto; MIRANDA, Ana Paula Mendes de; SILVA, Edilson Marcio Almeida da; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Marcos Alexandre Verissimo da Silva. "De sol a sol", em luta por um lugar ao sol: a Guarda Municipal e os ritos, conflitos e estratégias do espaço publico carioca. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado) - Universidade Federal Fluminense.

22.
Martins, Herbert Toledo; MELLO, K. S. S.; Ferreira, Maria da Luz. Participação em banca de Karine Pereira Rocha. Qualificação dissertação: Medidas sócio-educativas em meio aberto: uma análise institucional no município de Montes Claros/MG. 2009. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

23.
Martins, Herbert Toledo; MELLO, K. S. S.; Ferreira, Maria da Luz. Participação em banca de Éderson da Cruz Pereira. Qualificação: Diagnóstico sociológico dos crimes de homicídios no município de Montes Claros no período de 2005 a 2008. 2009. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Social) - Universidade Estadual de Montes Claros.

Teses de doutorado
1.
AZEVEDO, Rodrigo Ghiringhelli de; Wolkmer, A.C.; Sinhoretto, J.; Marques, T.C.S.; Andrade, V.R.P.A.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Raffaella da Porciuncula Pallamolla. A construção da Justiça Restaurativa no Brasil e o protagonismo do Poder Judiciário: permanências e inovações no campo da administração de conflitos. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais - PPGCS) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

2.
Lana Lage; MIRANDA, A. P. M.; MOUZINHO, G. M. P.; MELLO, K. S. S.; SILVA, L.S.. Participação em banca de Cristiano Hehr Garcia. A Matriz Curricular da SENASP na Formação das Praças da Policia Militar do Espírito Santo. 2013. Tese (Doutorado em Sociologia Política) - Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
MENEGAT, M.; MELLO, K. S. S.; VIEIRA, B.M.; MATSUNAGA, P.S.. Participação em banca de Paula dos Santos Kropf. Projeto de tese de doutorado: O lugar da cultura nas ruínas. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
Campos Machado, M.D.; ALVES, A. M.; MELLO, K. S. S.; DUARTE, M. J.. Participação em banca de Bruna Andrade Irineu. Projeto de Tese de doutorado: A política sexual no Brasil pós-Lula: um estudo de caso a partir do Conselho Nacional de Combate a Discriminação LGBT (CNDC). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
Lins de Barros, Myriam Moraes; MELLO, K. S. S.; Poncioni, Paula. Participação em banca de Celeste Anunciata Baptista Dias Moreira. Controle Social e Direitos: uma discussão sobre quem tem poder e autoridade diante da violência. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Qualificações de Mestrado
1.
AZEVEDO, R. G.; MELLO, K. S. S.; NASCIMENTO, A.A.. Participação em banca de Maralice Fernandes Xavier. Uma experiência de gestão da Política de Segurança Pública e Prevenção à violência no município de Porto Alegre: o Conselho Municipal de Justiça e Segurança. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

2.
MELLO, K. S. S.; MIRANDA, A. P. M.; Farias, P.. Participação em banca de Paula de Almeida Pereira. Projeto dissertação: adoção de crianças: garantia de direitos ou controle estatal das relações familiares. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
FIGUEIRA, L.E.V.; MENDES, R.L.T.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Igor Alves Pinto. O Grupo Tortura Nunca Mais do Rio de Janeiro: suas disputas, práticas e discursos. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
SILVA, E. M. A.; MIRANDA, A. P. M.; MOUZINHO, G. M. P.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Talitha Mirian do Amaral Rocha. A atuação da Guarda Municipal de São Gonçalo (RJ) no ordenamento do trânsito: uma análise sobre suas práticas e representações.. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

5.
GOMES, L.G.F.F.; SILVA, Edilson Marcio Almeida da; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Rachel Salgueiro Rizério. O "cuidado médico" sob uma perspectiva antropológica: etnografia em uma unidade hospitalar pública pediátrica. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós-Graduação em Antropologia) - Universidade Federal Fluminense.

6.
FIGUEIRA, L.E.V.; MIRANDA, A. P. M.; MELLO, K. S. S.; MENDES, R.L.T.. Participação em banca de Aline dos Santos Steele. Direito à felicidade: o valor simbólico no percurso e discurso das famílias homoafetivas no Brasil. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
MELLO, K. S. S.; VEIGA, Felipe Berocan; NUÑEZ, Izabel. Participação em banca de Alexandre Belizario da Silva. É Guarda ou Vigilante? Descrição e Análise das rotinas dos guardas municipais em subúrbio carioca. 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

2.
MELLO, K. S. S.; Medawar, Carlos Eduardo; NUÑEZ, Izabel. Participação em banca de Leandro Ribeiro Campos. "A Guarda é diferente!" O paradoxo da militarização na Guarda Municipal do Rio de Janeiro e seus reflexos nos processos administrativos disciplinares. 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

3.
MELLO, K. S. S.; SILVA, J.; EILBAUM, L.. Participação em banca de Aristides José da Cruz Filho. Mediação de conflitos em áreas de UPP. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em LatoSenso PolítPúb Justiça Crim e Seg Pub) - Universidade Federal Fluminense.

4.
MELLO, K. S. S.; SILVA, J.; EILBAUM, L.. Participação em banca de Paulo Roberto Amorim. Igualdade Jurídica e conflitos sociais no Brasil. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

5.
SILVA, J.; MELLO, K. S. S.; EILBAUM, L.. Participação em banca de Marcos Vinícius Moura Silva. Inquérito Policial: análise sócio-jurídica do procedimento. 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

6.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Marcia Regina Outão Marschener. A militarização da Guarda Municipal do Rio de Janeiro: a formação de um ethos repressivista. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

7.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Eliane Santos da Luz. Avaliação das Condições de Trabalho dos Policiais Militares do Rio de Janeiro sob uma Perspectiva de Gênero. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

8.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Priscilla de Souza. Operações policiais no complexo do alemão: violência e violação dos direitos educacionais. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

9.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Marcelo Almeida da Silva. Comunidade angolana X polícia federal no Rio de Janeiro: indiciamentos, identificações e representações de policiais acerca da comunidade angolana. 2007. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

10.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Jéssica Oliveira de Almeida. A polícia no Estado Democrático de Direito. 2007. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Farias, P.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Catharina Marinho Pereira.Educação, Serviço Social e relações étnico-raciais: uma análise sobre a dinâmica institucional em uma escola filantrópica de educação básica. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
Farias, P.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Ednalva Gomes Silva de Oliveira.Relações étnico-raciais no mercado de trabalho brasileiro: percepção de trabalhadores afro-brasileiros no comércio de vestuário carioca. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
Farias, P.; ALVES, A. M.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Cristiane de Amoreti Lima de Andrade.Mercado de Trabalho: possibilidades e desafios para mulheres negras. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
GUINDANI, M. K. A.; MELLO, K. S. S.; ARAUJO, S.. Participação em banca de Elza Maria Cristina Laurentino.O Rock na Maré: repressão no contexto da ocupação militar. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
Lins de Barros, Myriam Moraes; ALVES, A. M.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Fernanda Pereira da Silva.Velhice fragilizada: uma reflexão sobre envelhecimento, família e cuidado. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Mariana Alves Costa.O feminismo e a pornografia: o pensamento feminista sobre a pornografia pela revista feminista Estudos feministas e Cadernos Pagu. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
MELLO, K. S. S.; Moraes, Andrea Alves; Almeida, K.. Participação em banca de Ana Carolina Lima dos Santos.Entre o Direito e o preconceito: a adoção por casais homossexuais e os novos sentidos de família. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
MELLO, K. S. S.; Farias, P.; FIGUEIRA, L.E.V.. Participação em banca de Thaís Cavalcanti Marques.Conflitos e dilemas no sistema jurídico brasileiro: reconhecimento de diversos arranjos familiares na dinâmica da adoção.. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
Campos Machado, M.D.; MELLO, K. S. S.; Farias, P.. Participação em banca de Mayse Cruz de Souza.Os Evangélicos no Curso de Serviço Social. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
SILVA, M.M.V.A.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Livia da Silva Heggendorn.Aborto e políticas públicas em discussão: garantia dos direitos sexuais e reprodutivos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

11.
POUGY, L.; MELLO, K. S. S.; Morgado, Rosana. Participação em banca de Tayenne de Oliveira Parada e Larissa Aguiar Ferreira.Judicialização da violência de Gênero: limites e possibilidades do campo sócio-jurídico. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

12.
Poncioni, P.F.; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Luciene Pereira Oliveira.Implementação da política de valorização profissional: análise do projeto bolsa-formação na polícia militar do estado do Rio de Janeiro. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

13.
MELLO, K. S. S.; Poncioni, P.F.; Vargas, J.D.. Participação em banca de Camila de Oliveira Farias.Sociabilidades de Jovens privados de liberdade: uma experiência no Instituto Penal Plácido de Sá Carvalho. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

14.
Moraes, Andrea Alves; Goldman, Sara Nigri; MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Haniele Alves Laurindo.A (real)idade da velhice. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

15.
MELLO, K. S. S.. Participação em banca de Joice Cristina de Campos.Uma analise do sentimento de insegurança na cidade do Rio de Janeiro: as percepçoes dos moradores e a mudança na rotina de vida Orientador: Renato Lessa. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal Fluminense.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
MELLO, K. S. S.; SILVA, J.; MUNIZ, J.O.; GERALDO, P. H. B.. Banca de Seleção Curso Especialização Justiça Criminal e Segurança Pública (Edital 2016.1). 2016. Universidade Federal Fluminense.

2.
POLICARPO, Frederico; SOUZA, Miriam Alves; FERREIRA, M.A.G.; PINTO, N.M.; MELLO, K. S. S.. Provas e Títulos para Professor Adjunto - Políticas Públicas (Edital 080/2014). 2014. Universidade Federal Fluminense - Angra dos Reis.

3.
POLICARPO, Frederico; MELLO, K. S. S.; Oliveira, Marcella Beraldo de; SOUZA, Miriam Alves; PINTO, N.M.. Provas e Títulos para Professor Adjunto - Políticas Públicas (Edital 080/2014) 2a. chamada. 2014. Universidade Federal Fluminense - Angra dos Reis.

4.
Ordep Serra; Nubia Rodrigues; MELLO, K. S. S.. Professor Substituto em Antropologia. 2009. Universidade Federal da Bahia.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
II Jornadas Regionais de Cartéis Escola de Psicanálise dos Fóruns do Campo Lacaniano - Brasil. 2018. (Outra).

2.
Painel Diálogos interdisciplinares sobre Administração de Conflitos.Diálogos interdisciplinares sobre Administração de Conflitos - CCJ - Universidade Católica de Petrópolis. 2017. (Outra).

3.
Roda de conversas PPGD - Universidade Veiga de Almeida.Administração de conflitos em perspectiva comparada - Brasil e Argentina. 2017. (Encontro).

4.
VIII Congresso da Associação Brasileira de Pesquisadores em Sociologia do Direito ? ABraSDGP 25: POLÍTICAS PUNITIVISTAS E ALTERNATIVAS AO SISTEMA PENAL. A prisão de mulheres no sistema prisional brasileiro: juízos morais e sujeição criminal. 2017. (Congresso).

5.
V Seminário Internacional INCT-InEAC/UFF.Análise comparada de categorias jurídicas em processos sociais de administração de conflitos: democracia, igualdade jurídica, cidadania e demanda por direitos. 2017. (Seminário).

6.
Workshop Global Studies.Conflict Resolution Methods and policing: street vendors, officers, and Civil Society. 2017. (Oficina).

7.
XVI Congreso de Antropología en Colombia V Congreso Asociación Latinoamerica de Antropología. Coordenação de Mesa de Trabalho. 2017. (Congresso).

8.
XVI Congreso de Antropología en Colombia V Congreso Asociación Latinoamericana de Antropología. Dor, Sofrimento e Humilhação em processos sociais de demandas por direitos. 2017. (Congresso).

9.
Conferencia: Antropología, Políticas Públicas y Demandas de Derechos.Antropología, Políticas Públicas y Demandas de Derechos. 2016. (Encontro).

10.
Conferencia: Antropología, Políticas Públicas y Demandas de Derechos - UNSa.Antropología, Políticas Públicas y Demandas de Derechos. 2016. (Outra).

11.
IV Seminário Internacional INCT-InEAC-NEPEAC/UFF.?Casamento igualitário?, direito à diferença e produção de desigualdades. 2016. (Seminário).

12.
Palestra: Antropología, Políticas Públicas y Demandas de Derechos Equipo Antropología Jurídica y Política UBA.Antropología, Políticas Públicas y Demandas de Derechos. 2016. (Encontro).

13.
Reunião Integrantes Cátedra de Antropología Jurídica de la Facultad de Humanidades.Reunião Integrantes Cátedra de Antropología Jurídica de la Facultad de Humanidades. 2016. (Encontro).

14.
Reunión Formativa con Tesistas - UNICEN.Reunión Formativa con Tesistas integrantes do GESC/NURES, coordenação: Prof.Dr. Juan Pablo Matta. 2016. (Encontro).

15.
Reunión Formativa con Tesistas - UNSa.Reunión Formativa con Tesistas do Proyecto Investigaciones en Antropología Jurídica estudios de caso en torno a procesos de producción de derechos, regulaciones sociales y justicia. DIRECTOR DEL PROYECTO: Dra. Mariana Inés Godoy. 2016. (Encontro).

16.
Seminário Internacional Violência, Conflitos Sociais e Cidadania.Painel XII Justiça, sistema penal e penas alternativas. 2016. (Seminário).

17.
A Sociologia do Direito em Movimento: perspectivas da América Latina. O princípio da voluntariedade na mediação de conflitos no Rio de Janeiro e em Buenos Aires: olhares cruzados. 2015. (Congresso).

18.
IX Congresso Internacional da RELAJU - GT Antropología Política y Jurídica: etnografías de las burocracias estatales, los procesos de demandas de derechos y las políticas públicas en seguridade. Mediação de conflitos e voluntariedade: olhares cruzados entre Rio de Janeiro e Buenos Aires. 2015. (Congresso).

19.
XIX Semana Acadêmica do Centro de Ciências Jurídicas - Universidade Católica de Petrópolis.Mini curso: Múltiplos olhares sobre a mediação de conflitos. 2015. (Outra).

20.
XVII Congresso Brasileiro de Sociologia. Nem tão perto, nem tão longe: o dilema da construção da autoridade policial nas UPPs - co-autoria com Jacqueline de Oliveira Muniz. 2015. (Congresso).

21.
29a. Reunião Brasileira de Antropologia: diálogos antropológicos: expandindo fronteiras. Coordenação GT 75: Sensibilidades jurídicas e sentidos de justiça na contemporaneidade: interlocução entre Antropologia e Direito. 2014. (Congresso).

22.
Coordenação GT 29: Estudios Etnograficos del Conflicto no XI CAAS. Coordenação GT 29: Estudios Etnográficos del Conflicto. 2014. (Congresso).

23.
Mesa da Sexta: ESPAÇO PÚBLICO: cotidiano, conflitos e apropriações.A arquitetura da administração de conflitos em espaço público municipal. 2014. (Encontro).

24.
XI Congreso Argentino de Antropología Social. Mediação de conflitos e voluntariedade: olhares cruzados entre Rio de Janeiro e Buenos Aires. 2014. (Congresso).

25.
III Encontro Nacional de Antropologia do Direito (ENADIR).Mesa: Construção da Verdade Jurídica no Processo Judicial Brasileiro - com Regina Lúcia Teiixeira Mendes (UFF); Luiz Edurado Figueira (UFRJ) e Ana Paula Mendes de Miranda (UFF). 2013. (Encontro).

26.
III Seminário Internacional do INCT-InEAC.Mediação de conflitos e. 2013. (Seminário).

27.
III Seminário Internacional do INCT-InEAC.União homoafetiva: liberdade de orientação sexual ou normalização estatal da homossexualidade?. 2013. (Seminário).

28.
Seminário 10 anos: a formação de Doutores em Antropologia na UFF.Trajetórias. 2013. (Seminário).

29.
VII Jornada de alunos do PPGA-UFF: Antropologia da Ação.Abordagens em Políticas Públicas - perspectivas antropológicas. 2013. (Seminário).

30.
X Reunión de Antropología del Mercosur. Coordenação do GT: Sensibilidades Jurídicas e Sentidos de Justiça na Contemporaneidade com Mota,F.R. e Sinhoretto, J.. 2013. (Congresso).

31.
X Reunión de Antropología del Mercosur. União Homoafetiva: liberdade de orientação sexual ou normalização estatal da homossexualidade?. 2013. (Congresso).

32.
28ª Reunião Brasileira de Antropologia. Coordenadora do GT: Sensibilidades Jurídicas e Sentidos de Justiça na Contemporaneidade, juntamente com Fabio Reis Mota e Jacqueline Sinhoretto. 2012. (Congresso).

33.
Juventude, violência e controle sócio espacial na França e no Brasil.Debatedora mesa. 2012. (Seminário).

34.
Mesa Redonda: Antropologia e análise de Políticas Públicas na UENF.POLÍTICAS PÚBLICAS: interlocução entre Antropologia, Serviço Social e outros Campos do saber. 2012. (Outra).

35.
Tercer Congreso Latinoamericano de Antropología ALA. Mediação de conflitos e ?expressão obrigatória dos sentimentos? em Buenos Aires. 2012. (Congresso).

36.
Workshop Práticas e desafios no atendimento de jovens cumpruindo medida sócio educativa em meio aberto , NEPP-DH/UFRJ, INCT: Violência, Democracia e Segurança CidadãPMSMA-SMAS/RJ D e H/.Debatedor. 2012. (Oficina).

37.
IX RAM Cultura, Encontros e Desigualdades. Coordenadora do GT: Sensibilidades jurídicas e sentidos de justiça na contemporaneidade: interlocução entre antropologia e direito, juntamente com Fábio Reis Mota/UFF e Carla Villalta/UBA. 2011. (Congresso).

38.
27ª Reunião Brasileira de Antropologia. Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. 2010. (Congresso).

39.
27ª Reunião Brasileira de Antropologia. Coordenadora do GT: Sensibilidades jurídicas e sentidos de justiça na contemporaneidade: interlocução entre antropologia e direito. 2010. (Congresso).

40.
Conjuntura político-criminal no Brasil pós-eleitoral e conflitos no Rio de Janeiro.Conjuntura político-criminal no Brasil pós-eleitoral e conflitos no Rio de Janeiro. 2010. (Encontro).

41.
II Seminário do INCT-InEAC/Nufep/UFF.Coordenação da mesa: Utilização da conciliação e da mediação de conflitos no âmbito do Poder Judiciário. 2010. (Seminário).

42.
II Seminário do INCT-InEAC/UFF.Conciliação e Mediação de Conflitos no âmbito do Poder Judiciário. 2010. (Seminário).

43.
Interlabo: Groupe Européen de Recherche sur les Normativités (GERN). 2010. (Encontro).

44.
Journée d´études franco-brésilienne: conflits urbains, violence et processus de criminalisation.Souffrance et ressentiment: une politique de renouvellement des licences des « camelots » au Brésil. 2010. (Seminário).

45.
Seminário Cidade, Conflitos e Trajetórias.Mediação e Conciliação no Judiciário: dilemas e significados. 2010. (Seminário).

46.
Workshop: Os Registros das Guardas Municipais como fonte de informações - limites e possibilidades.Workshop: Os Registros das Guardas Municipais como fonte de informações - limites e possibilidades. 2010. (Oficina).

47.
Ciclo de debates Administração Institucional de Conflitos e Formação de Políticas Públicas numa perspectiva comparada, Nufep-INCT/Ineac-UFF; I Conseg, 9 - 10 junho.Políticas Públicas de Segurança. 2009. (Outra).

48.
Curso de Extensão: Terceira Idade: amadurecendo idéias sobre a ´idade madura´ do Projeto Centro de Cidadania da Praia Vermelha - Escola de Serviço Social/UFRJ.Violência contra a pessoa idosa. 2009. (Outra).

49.
GT 37 ?Políticas públicas y antropología en las áreas de Derechos Humanos, Seguridad Pública y Comunidades?. Debatedora de sessão de apresentação de trabalhos na VIII RAM. 2009. (Congresso).

50.
I Conferência Livre de Segurança Pública, organizada pelo CCS da 13a AISP preparatória para a I Conseg - 29 maio."A alma encantadora da rua" e os dilemas da convivência no espaço público. 2009. (Outra).

51.
I ENADIR - USP.Coordenação GT: Antropologia, Movimentos Sociais e Violência. 2009. (Encontro).

52.
I Encontro Nacional de Antropologia do Direito - USP, promovido pelo NADIR, Dpto Antropologia, coor: Ana Lucia P. Schritzmeyer.Mesa: Antropologia do Direito e Sistema de Justiça. 2009. (Encontro).

53.
Seminário Franco Brasileiro CapesCofecub - NECVU/UFRJ, coord. Michel Misse e Dominique Duprez.Debatedora Mesa: Os Processos de criminalização na França e no Brasil. 2009. (Seminário).

54.
VIII Reunión de Antropología del Mercosur. O recadastramento dos camelôs de Niterói: impactos do processo de descentralização de políticas públicas de seguranaça. 2009. (Congresso).

55.
Ciclo APEB à la Maison du Brésil.Analyse de l?appropriation de l?espace public et de l?administration institutionnelle de conflits au niveau municipal: un regard à travers la ?Guarda Municipal? de Niterói.. 2005. (Encontro).

56.
Seminário no Centre d?Etudes et Recherches sur les Actions Locales (CERAL) da Université de Paris 13.Arènes publiques et sécurité publique, l?administration institutionnelle des conflits au niveau municipal, Brésil. 2005. (Encontro).

57.
Table ronde : L?Espace Public, controverses et identités no Colloque Discours, Savoir et Pouvoir : recherches et dialogues dans l?année du Brésil en France.Construction d?une arène publique sur la sécurité publique municipal, Brésil. 2005. (Outra).

58.
Colloque 3Vi ?Villes visibles et Villes invisibles?.Espace public : les enjeux visibles et invisibles de la sécurité publique dans une ville au Brésil. 2004. (Outra).

59.
V Reunião dos Antropólogos do Mercosul. ?Bom Senso: o saber prático na construção de hierarquias e da identidade dos Guardas Municipais de Niterói?. 2003. (Congresso).

60.
XXVII Encontro Anual da Anpocs.?Os conflitos de rua entre a Guarda Municipal e os ?camelôs??. 2003. (Encontro).

61.
I Colóquio da Rede Interdisciplinar de Estudos Comparativos (RIEC).SIV/Segurança Pública, NECCVU/IFCS/UFRJ. 2002. (Seminário).

62.
IV Fórum Internacional em Formação Policial: A construção do saber em Segurança Pública.IV Fórum Internacional de Formação Policial: A construção do Saber em Segurança Pública. 2002. (Outra).

63.
Colóquio sobre ciência e tecnologia na área de segurança pública.Colóquio sobre ciência e tecnologia na área de segurança pública.. 2001. (Outra).

64.
III Congresso Internacional do BRASA - Brazilian Studies Association. 1996. (Congresso).

65.
The ´new`family?. 1996. (Outra).

66.
Repensando a pequena produção: agricultura familiar no Rio de Janeiro. 1993. (Seminário).

67.
Assentamentos de Reforma Agrária: Estratégias de Desenvolvimento Rural. 1992. (Seminário).

68.
Colóquio: Centenário da Abolição (1888-1988).O negro no mercado de trabalho. 1988. (Outra).

69.
II Encontro Nacional dos Estudantes de Letras.O negro em debate. 1988. (Encontro).

70.
XVI Reunião Brasileira de Antropologia. 1988. (Congresso).

71.
X Jornada de Iniciação Científica.?O racismo e as reivindicações Sociais?. 1987. (Outra).

72.
?Encontro Macumba? - 1986 a 1989.ciclo mensal de seminários. 1986. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MELLO, K. S. S.. Oficina Antropologia e Políticas Públicas de administração de conflitos: dilemas e perspectivas no Brasil e na Argentina. 2017. (Outro).

2.
NASCIMENTO, A.A. ; MELLO, K. S. S. . GP 25: POLÍTICAS PUNITIVISTAS E ALTERNATIVAS AO SISTEMA PENAL VIII Congresso da Associação Brasileira de Pesquisadores em Sociologia do Direito ? ABraSD. 2017. (Congresso).

3.
MELLO, K. S. S.; MORENO, M. J. M. . Workshop Identidades Culturais e Política - Emoção e gênero no julgamento moral de facilitadores de grupos reflexivos para homens agressores ? mediação: Prof. Marco J. Martinez Moreno (UnB). 2016. (Outro).

4.
MELLO, K. S. S.; TORQUATO, S. . Workshop Identidades Culturais e Política: Identidade, consumo e domesticidade entre famílias de classes populares ? Mediadora: Profa. Shirley Torquato (PPGA-UFF). 2016. (Outro).

5.
MELLO, K. S. S.; RIBEIRO, Y.G. . Workshop Identidades Culturais e Política: Atores políticos, identidades e territórios: processos de reconhecimento de comunidades quilombolas no estado do Rio de Janeiro ? Mediadora: Profa. Yolanda Gaffrée Ribeiro (PPGA-UFF). 2016. (Outro).

6.
MELLO, K. S. S.; TAVARES, F. R. G. . Workshop Identidades Culturais e Política: Identidades Quilombolas no Recôncavo Bahiano ? Profa. Fátima Regina Gomes Tavares (PPGA-UFBA). 2016. (Outro).

7.
MELLO, K. S. S.; PIRES, L. . Workshop Identidades Culturais e Política: Caminhos e Trilhos para a informalidade: etnografias de venda ambulante no Rio de Janeiro e em Buenos Aires ? Prof. Lenin Pires (Dpto. Segurança Pública e PPGA-UFF). 2016. (Outro).

8.
MELLO, K. S. S.; PIRES, L. . Workshop Identidades Culturais e Política: Caminhos e Trilhos para a informalidade: etnografias de venda ambulante no Rio de Janeiro e em Buenos Aires ? Prof. Lenin Pires (Dpto. Segurança Pública e PPGA-UFF). 2016. (Outro).

9.
MELLO, K. S. S.; Mata, J.P. ; VILLALTA, C. . GT: Sensibilidades Jurídicas e sentidos de justiça na contemporaneidade: diálogos entre Antropologia e Direito - XI Reunión de Antropología del Mercosur: Diálogos, práticas e visões antropológicas desde o Sul. 2015. (Congresso).

10.
MELLO, K. S. S.; MORENO, M. J. M. . WORKSHOP - Identidades Culturais: Masculinidade e Violência. 2014. (Outro).

11.
MELLO, K. S. S.; TORQUATO, S. . WORKSHOP - Identidades Culturais: Consumo popular - um estudo sobre conflito e organização doméstica entre moradores do PAC Preventório. 2014. (Outro).

12.
MELLO, K. S. S.; FREIRE, L. L. . WORKSHOP - Identidades Culturais: Acari, Manguinhos e Vila Residencial da UFRJ: relato de três experiências de pesquisa. 2013. (Outro).

13.
Soares, A.J.G. ; Bustamante, Regina ; Iasi, Mauro ; MELLO, K. S. S. . XXXII Jornada de Iniciação Científica, Artística e Cultural da UFRJ. 2010. (Outro).

14.
Morgado, Rosana ; Bustamante, Regina ; MELLO, K. S. S. ; Iasi, Mauro ; Kushnir, Karina . XXXI Jornada Giulio Massarine de Iniciação Científica, Artística e Cultural da UFRJ. 2009. (Outro).

15.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MELLO, K. S. S. ; Lana Lage . Workshop Metodologia das Estatísticas Policiais no Brasil. 2007. (Outro).

16.
MELLO, K. S. S.; CAMPOS, J.C. . Grupo de Trabalho 1: Metodologia das Estatísticas Policiais no Brasil. 2007. (Outro).

17.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; Rodrigues, Robson ; MELLO, K. S. S. . organização do IV Fórum dos Conselhos Comunitários de Segurança. 2007. (Outro).

18.
MELLO, K. S. S.; MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; Cretton, Solange ; Medawar, Carlos Eduardo . Coordenação dos Cursos Temático e Pedagógico para policiais civis e militares do Estado do Rio de Janeiro. 2006. (Outro).

19.
MELLO, K. S. S.; MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; Cretton, Solange ; Medawar, Carlos Eduardo . Seminário Formação Policial e Segurança Pública. 2006. (Outro).

20.
MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MELLO, K. S. S. . Coordenadora e debatedora da Sessão ?A construção de políticas municipais de segurança? no Seminário ?Gestão da Segurança Pública Municipal. 2006. (Congresso).

21.
Kant de Lima, Roberto ; MIRANDA, Ana Paula Mendes de ; MELLO, K. S. S. ; MOUZINHO, Glaucia Maria Pontes . IV Fórum Internacional de Formação Policial: A construção do saber em Segurança Pública. 2003. (Congresso).

22.
MELLO, K. S. S.; Verissimo, Marcos . GT: A ação municipal na segurança pública no IV Fórum Internacional de Formação Policial: A construção do saber em Segurança Pública. 2003. (Congresso).

23.
MAGGIE, Y. ; MELLO, K. S. S. . seminário: ?E depois do Ventre Livre??. 1987. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Monique de Carvalho Cruz. Territórios morais, racismo e criminalização de pessoas negras no Rio de Janeiro. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Sônia Leitão. O Fetiche da Democracia: controle social no SUS e governança dos Conselhos de Saúde. Início: 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Alessandra Maia Gonçalves. Medidas alternativas: acompanhamento ou fiscalização na Justiça Federal do Rio de Janeiro. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).

2.
Yago Ledo. Criminalização do movimento Hip Hop em roda cultural no Rio de Janeiro. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Carlos Henrique Dantas Cardozo. Artesanato: construção de identidade e as relações de conflitos com o Estado. Início: 2015. Iniciação científica (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Paula de Almeida Pereira. ADOÇÃO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES: GARANTIA DE DIREITOS OU CONTROLE ESTATAL DAS RELAÇÕES FAMILIARES?. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, . Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

2.
Lidiane Figueira de Campos Malanquini. Os UPP e os gansos: um estudo sobre a relação entre jovens policiais e jovens moradores de favelas cariocas. 2014. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, . Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

3.
Camila de Oliveira Farias. Jovens Policiais Militares do Rio de Janeiro: um estudo qualitativo sobre a trajetória de vida de soldados PM. 2014. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, . Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

4.
Joice Cristina de Campos. Um estudo sobre as representações sociais da moradia em um condomínio da Barra da Tijuca. 2011. Dissertação (Mestrado em Sociologia e Direito) - Universidade Federal Fluminense, . Coorientador: Kátia Sento Sé Mello.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Alexandre Belizario da Silva. É Guarda ou Vigilante? Descrição e Análise das rotinas dos guardas municipais em subúrbio carioca. 2017. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense, Secretaria Nacional de Segurança Pública. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

2.
Paulo Roberto Amorim. IGUALDADE JURÍDICA E CONFLITOS SOCIAIS NO ESTADO DEMOCRATICO DE DIREITO. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

3.
Aristides José da Cruz Filho. Mediação de conflitos em áreas de UPP. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Justiça Criminal e Segurança Pub) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Rodolpho Hugo dos Santos Martins. A dinâmica das violências na construção dos gêneros ?travesti? e ?transexual?. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

2.
Thaís Cavalcanti Marques. Adoção homoafetiva ? A lei legitimando aspectos moralizadores e ?podando? direitos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

3.
Ana Carolina Lima dos Santos. Entre o direito e o preconceito: a adoção por casais homossexuais e os novos sentidos de família. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

4.
Raphael Nunes Silva. Envelhecimento e as sociabilidades no espaço público na Ilha do Governador - RJ. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

5.
Maria Aparecida dos Santos Coelho. O papel dos assistentes sociais no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

6.
Maria da Saude S. Lima. O portador de Doença de Alzheimer ou doenças similares com dependência e seu cuidador: uma perspectiva familiar. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

7.
Camila de Oliveira Farias. Sociabilidades de jovens em conflito com a lei. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

Iniciação científica
1.
Lohrayne França Couto. Crimes cometidos no contexto de relações amorosas no Brasil entre 1995 e 2015: O papel da mídia no julgamento dos crimes. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

2.
Renata Gleice da Silva Vargas Duarte. Administração de conflitos cotidianos no vagão feminino dos trens urbanos na cidade do Rio de Janeiro. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

3.
Flávia Santana. Administração de conflitos decorrentes do uso ritual do Ayahuasca no Rio de Janeiro. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

4.
Rodolpho Hugo dos Santos Martins. A dinâmica das violências na construção dos gêneros ?travesti? e ?transexual?. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

5.
Luanna Cunha Martins. Moralidades no tratamento de pessoas portadoras de HIV em um Centro de Saúde Especializado no RJ. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

6.
Ana Carolina Lima dos Santos. União homoafetiva: busca da igualdade ou normalização do Estado?. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

7.
Rodolpho Hugo dos Santos Martins. No projeto: Liberdade de orientação sexual ou combate à homofobia: paradigmas em debate na administração institucional de conflitos em processos sociais de reconhecimento.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

8.
Paulo Kaique Riccaldoni de Carvalho. IC - Ensino Médio: Atividades no projeto: Liberdade de orientação sexual ou combate à homofobia: paradigmas em debate na administração institucional de conflitos em processos sociais de reconhecimento.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

9.
Luanna Cunha Martins. A mediação de conflitos do ponto de vista dos jurisdicionados no Rio de Janeiro. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

10.
Fernanda Rodrigues. O papel do psicologo na construção da decisão judicial. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

11.
Ana Carolina Lima dos Santos. IC no Projeto: Liberdade de orientação sexual ou combate à homofobia: paradigmas em debate na administração institucional de conflitos em processos sociais de reconhecimento.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

12.
Maria Aparecida dos Santos Coelho. O papel dos assistentes sociais no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

Orientações de outra natureza
1.
Carlos Henrique Dantas Cardozo. Monitoria na disciplina: Teoria Política e Serviço Social. 2015. Orientação de outra natureza. (Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, PIBIC-UFRJ. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

2.
Carlos Henrique Sousa. Monitoria na disciplina: Identidades Culturais. 2014. Orientação de outra natureza. (Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

3.
Ludmilla Lucas Blanck. Monografia na Disciplina de Antropologia. 2013. Orientação de outra natureza. (Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

4.
Luanna Cunha Martins. Monitoria na Disciplina: Antropologia. 2012. Orientação de outra natureza. (Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

5.
Ana Carolina Lima dos Santos. Monitoria no Curso Administração de conflitos no Judiciário. 2011. Orientação de outra natureza. (Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.

6.
Tayenne de Oliveira Parada. Monitoria de Disciplina: Administração de conflitos no judiciário (tópicos especiais). 2010. Orientação de outra natureza. (Serviço Social) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Kátia Sento Sé Mello.



Educação e Popularização de C & T



Textos em jornais de notícias/revistas
1.
FREIRE, C. R. ; MELLO, K. S. S. . Encarceramento de mulheres e sistema de justiça criminal brasileiro. Justificando: mentes inquietas pensam direito - Carta Capital, Justificando - Carta Capital, p. 01 - 02, 27 fev. 2018.


Apresentações de Trabalho
1.
MELLO, K. S. S.. Mediação de conflitos no Rio de Janeiro e Buenos Aires: dilemas e significados sob uma perspectiva comparada. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
MELLO, K. S. S.; MATTA, J. P. . Entrevista sobre Conferencia 'Antropología, políticas públicas y demandas de derecho'. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


Estágio de doutorado no exterior 2004-2205, pelo convênio Capes-Cofecub: Universidade Federal Fluminense/Université Paris X - Nanterre: Sociologia da experiência privada e pública no Brasil e na França. A república no cotidiano: conflitos sociais, ações coletivas, engajamentos associativos e provas pessoais.

Para visualizar curriculo Sigma/UFRJ: 
EspaçoSIGMA.UFRJ - FOCO: KATIA SENTO SE MELLOEspaçoSIGMA.UFRJ - FOCO



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/12/2018 às 18:49:07