Marcus Silva da Cruz

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9944714006252131
  • Última atualização do currículo em 24/06/2018


Possui graduação em História pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1989), mestrado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1992) e doutorado em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1997). Professor de história Medieval na Universidade Federal do Espírito Santo entre os anos de 1992 e 1997. Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal de Mato Grosso atuando na área de Teoria e Metodologia da História. Presidente da Associação Brasileira de Estudos Medievais entre os anos de 2009 e 2013. Tem experiência na área de História, com ênfase em História, atuando principalmente nos seguintes temas: Antiguidade Tardia, historiografia, cristianismo, história da igreja e idade média. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Marcus Silva da Cruz
Nome em citações bibliográficas
CRUZ, M. S.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Mato Grosso, Departamento de História.
Avenida Fernando Corrêa s/n
Coxipó
78000-000 - Cuiaba, MT - Brasil
Telefone: (65) 36158480
URL da Homepage: www.ufmt.br


Formação acadêmica/titulação


1993 - 1997
Doutorado em História Social.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Da virtus romana à virtude cristã. Um estudo acerca da conversão da aristocracia de Roma no IV século a partir das epístolas de Jerônimo, Ano de obtenção: 1997.
Orientador: Maria Sonsoles Guerra Martin.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Cristianismo; São Jerônimo; Antigüidade Tardia.
Grande área: Ciências Humanas
1990 - 1992
Mestrado em História Social.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: A herança romano-helenística nas cartas de São Jerônimo,Ano de Obtenção: 1992.
Orientador: Maria Sonsoles Guerras Martin.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Cristianismo; São Jerônimo; Antigüidade Tardia.
Grande área: Ciências Humanas
1985 - 1989
Graduação em História.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Pós-doutorado


2014 - 2015
Pós-Doutorado.
Universidade Nova de Lisboa, UNL, Portugal.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Mato Grosso, UFMT, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/2011 - Atual
Direção e administração, Conselho de Ensino e Pesquisa, .

Cargo ou função
Conselheiro do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão.
03/2008 - Atual
Ensino, História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Territórios da História
Tópico Especial em Teoria da História: A 1ª Geração dos Annales
Tópico Especial em Teoria da História: Tempo e História
Seminário de Pesquisa: Cultura e Identidade na Alta Idade Média
05/2006 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História Antiga
História Medieval
Introdução à História
Teoria e Metodologia da História
Historiografia
05/2011 - 05/2013
Direção e administração, Departamento de História, .

Cargo ou função
Coordenação do Programa de Pós-Graduação em História.
01/2009 - 01/2011
Direção e administração, Departamento de História, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado de Curso.
01/2007 - 01/2009
Direção e administração, Coordenação do Curso de História, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.

Centro Universitário Augusto Motta, UNISUAM, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 36

Atividades

12/2005 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho editorial da Revista Augustus, .

Cargo ou função
Membro do Conselho Editorial.
12/2005 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho de Ética na Pesquisa, .

Cargo ou função
Membro Titular do Conselho de Ética na Pesquisa.
09/2005 - 03/2006
Direção e administração, Coordenação do Curso de História, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
09/2005 - 03/2006
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História Medieval II
Monografia


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
O CORDEIRO NO ALTAR DA VITÓRIA. Diálogos e conflitos no universo cultural da aristocracia de Roma (Séc. IV e V).
Descrição: O período histórico que denominamos de Antiguidade Tardia, que estende-se do III ao VIII século na bacia do Mar Mediterrâneo, é marcada pelas profundas transformações nos diversos âmbitos que compõe o sistema social. As estruturas clássicas são paulatinamente substituídas por novas estruturas que resistimos a chamar de medievais e que marcam o nascimento dessa nova etapa do devir histórico. Nesse momento o aspecto religioso assume uma importância fundamental, pois como afirma Peter Brown nada demonstra melhor o irrefutável fato de que a vida nos moldes e critérios clássicos havia se tornado intolerável, em decorrência das mudanças ocorridas nesse período, do que o desenvolvimento e consolidação no seio desta estrutura social de um conjunto de crenças diverso da religiosidade clássica.( BROWN, Peter. 1972. p. 51-118). Em outras palavras as questões religiosas apontam e indicam para profundas transformações culturais daquela sociedade. Uma das principais transformações religiosas e culturais vivenciadas pelo mundo romano nos séculos IV ao V séculos foi à aceleração do processo de expansão do cristianismo pelos diferentes grupos da sociedade imperial e pelos diversos âmbitos geográficos da bacia do Mediterrâneo. Assim como, a consolidação da Igreja cristã enquanto um elemento importante tanto para o Império quanto para a população romana cristã ou não. Este processo expansionista do cristianismo e de sua Igreja, é importante ressaltar, ocorre dentro dos moldes e parâmetros da Paidéia Greco-romana, ou seja o progressivo crescimento da religião, seja em termos sociais quanto geográfico, acontece em um universo simbólico dominado pela herança da cultura que marcou e caracterizou a Antigüidade Clássica. Neste sentido uma questão central que perpassa tanto os autores cristãos quanto os autores pagão do IV ao VI século diz respeito à relação estabelecida pelo cristianismo com a Paideia Greco-romana. Se é correto afirmar a existência de uma ampla zona de contato e influencias entre os intelectuais pagãos e os pensadores cristãos isto não significa de forma alguma conceber as relações estabelecidas neste espaço como pacíficas ou harmônicas. Muito pelo contrário o que observamos é uma situação de tensão e conflito na medida em que esses dois grupos buscam se apropriar da Paidéia Greco-romana, legitimando suas pretensões e interesses pela condição de herdeiros desta tradição intelectual. Nosso suporte documental para esse estudo serão dois conjuntos de epístolas escritas por um pensador cristão Jerônimo e por um intelectual pagão Símaco entre o final do IV século IV e o início do V..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Marcus Silva da Cruz - Coordenador / Ana Paula Surubi - Integrante / Fabiana Silva Azevedo - Integrante / WAGNER JULIO DE CAMPOS - Integrante.
2012 - Atual
MEMÓRIA, VERDADE E NARRATIVA. OS FUNDAMENTOS TEÓRICOS E METODOLÓGICOS DO DISCURSO HISTÓRICO NA ANTIGUIDADE TARDIA
Descrição: Nos últimos anos o estudo acerca da Antiguidade Tardia passou por importantes transformações fundamentalmente devido aos aportes da arqueologia e os avanços da cultura material. Além disso, os questionamentos se tornaram mais complexos e refinados. Finalmente a comunidade acadêmica se multiplicou e principalmente se internacionalizou. A Antigüidade Tardia não é mais apenas um produto acadêmico da tradição historiográfica anglo saxônica. Nas palavras de Jean-Michel Carrié; ?Nos dias de hoje, nós podemos afirmar que a Antigüidade Tardia adquiriu definitivamente um direito cidadania: não somente a expressão, mas também o período cronológico que designa e que procura reabilitar? (CARRIE e ROUSELLE, 1999: 11). Nesta pesquisa a Antigüidade Tardia será entendida não apenas como um conceito explicativo, mas também como o referencial geográfico e cronológico do projeto. Assim sendo nosso escopo espaço-temporal será a bacia do Mar Mediterrâneo entre os séculos III e VIII, buscando entender as formas, as categorias e os procedimentos que o discurso histórico assume neste período. A escrita da história na Antigüidade, desde pelo menos Heródoto, era entendida como uma narrativa em prosa dos eventos do passado com a pretensão, com o objetivo de dizer a verdade. Nos séculos que medeiam os primeiros historiadores e a Antigüidade Tardia o discurso histórico se definiu enquanto um gênero narrativo revelando as diversas possibilidades que a escrita sobre o passado podia assumir. Os historiadores tardo-antigos recebem essa tradição e a transformam criando novas formas de narrativas verdadeiras sobre o passado. Neste pesquisa pretendemos discutir e analisar as questões relativas aos fundamentos teóricos e metodológicos presentes no discurso histórico na Antigüidade Tardia, tais como o regime de verdade, a concepção de história, a tipologia documental, o uso das fontes, a crítica documental, os aspectos retóricos da narrativa, entre outras questões. Este projeto se insere na área de.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
Paideia e cristianismo: o problema da identidade tardo-romana nos discursos historiográficos do IV e V séculos
Descrição: A sociedade romana ao longo do século III d.C. experimentou um momento de grandes e profundas transformações que a historiografia denominou de ?crise do III século?. Em nossa perspectiva de análise esta ?crise? representa um momento de ruptura, de transformação, no qual as estruturas clássicas são paulatinamente substituídas por novas estruturas que resistimos a chamar de medievais e que marcam o nascimento de uma nova etapa do devir histórico, isto é, a Antiguidade Tardia que por sua vez traz consigo a construção de uma nova partilha identitária. Neste momento podemos verificar a necessidade de construção de novos padrões identitários em decorrência do abalo e superação das partilhas que caracterizaram o mundo antigo. Como afirma Kobena Mercer ?...a identidade somente se torna uma questão quando está em crise, quando acontece algo que se supõe fixo, coerente e estável é deslocado pela experiência da dúvida e da incerteza.?(Mercer, 1990, p.43). Nossa hipótese é que no centro dos processos de construção das identidades encontra-se a questão da herança da paideia greco-romana. Tanto os grupos ligados ao paganismo quanto as comunidades cristãs buscam se constituirem enquanto continuadores e herdeiros deste legado e irão lutar por esse espólio. E dificilmente poderia ser de outra forma, uma vez que a paideia greco-romana se constituía na rede simbólica que tanto cristãos quanto pagãos estavam inseridos e na qual, e isso é fundamental em nossa pesquisa, os dois grupos buscam os elementos com os quais irão construir as suas identidades. Para os pagãos do IV século a utilização da paideia greco-romana como elemento de construção da sua identidade não apresenta grandes dificuldades na medida que isto significaria apenas a manutenção da antiga partilha entre civilização e barbárie. No entanto para os cristãos a situação é bastante diferente. Para utilizar-se da paideia greco-romana como elemento de sua identidade os cristão necessitavam transformar o seu discurso ide.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
PAGÃOS E CRISTÃOS NA ANTIGUIDADE TARDIA. A QUESTÃO DA IDENTIDADE NO DISCURSO HISTORIOGRÁFICO DO IV SÉCULO
Descrição: O período que se estende do III ao V século é marcado por profundas e aceleradas transformações no âmbito do mediterrâneo. Observa-se a progressiva substituição das estruturas sociais, políticas e mentais clássicas. O ponto de ruptura que marca o início dessas transformações é sem dar lugar a dúvidas a chamada ?crise do III século?. O Império Romano atravessou neste momento um período particularmente difícil, marcado por inúmeros e diversos problemas, dentre os quais podemos destacar: dificuldades monetárias, inflação, usurpações, guerras civis e pela constante pressão de povos hostís junto ao ?limes?. Na verdade as dificuldades enfrentadas nas fronteiras apenas aceleram um conjunto de problemas internos vividos pela sociedade tardo-romana. Nesta crise o aspecto religioso assume uma importância fundamental; para Peter Brown nada demonstra melhor o irrefutável fato de que a vida nos moldes e critérios clássicos havia se tornado intolerável, em decorrência dos problemas enfrentadas pela sociedade imperial ao longo do III século, do que o desenvolvimento e consolidação no seio desta estrutura social de um conjunto de crenças diverso da religiosidade clássica. O mundo romano passa por um período de insegurança, uma época de angústia na qual os problemas de ordem material acentuaram o ritmo das transformações religiosas. Ocorre então uma redistribuição, um reordenamento de elementos religiosos presentes há muitos séculos na bacia do mar Mediterrâneo. Esta reorganização da religiosidade tornará algumas crenças, até então restritas a certos grupos ou regiões, em elementos hegemônicos e constitutivos de uma nova sensibilidade religiosa que caracterizará a Antigüidade Tardia. A principal manifestação da religiosidade tardo-romana é o triunfo do cristianismo, que ao longo do IV século torna-se a religião hegemônica da sociedade baixo-imperial, tanto numérica quanto culturalmente. Na medida em que este consegue atender as necessidades espirituais do homem t.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Marcus Silva da Cruz - Coordenador.
2008 - 2010
MÍDIA, MEMÓRIA E ENSINO DE HISTÓRIA
Descrição: A mídia é um fenômeno que perpassa na atualidade todas os grupos sociais. Não existe nenhuma instância da sociedade que não tenha uma profunda relação com a mídia ou que a mídia não realiza uma intervenção de maneira importante. Em outras palavras a mídia é o centro da sociedade da informação na qual vivemos. Estamos diante de uma realidade em que presenciamos a aceleração dos processos de inovação tecnológicas, especialmente do fluxo de informações. Lidar com o impacto da aceleração do fluxo de informação e, principalmente, dar-lhes uma significação, interpretando-os e integrando-os numa visão de mundo é uma das tarefas primordiais do sujeito contemporâneo. Os educadores, diante da possibilidade de acesso ilimitado às informações, afirmam que o trabalho fundamental da educação é preparar os jovens e as crianças para que consigam selecionar, discernir e a questionarem as informações. A sociedade da informação começa a ter impacto nos sistemas escolares. Nos interessa especialmente, neste projeto de pesquisa, discutir e analisar este problema no que concerne ao ensino de História. O ensino de História é um lócus privilegiado de construção de memória coletiva, apesar de não se restringir apenas a esse aspecto. A memória coletiva atua no sentido de sintonizar os membros de um grupo, para fazer com que recordem o mesmo, que sintam de forma similar, que gerem as mesmas atitudes, que compartilhem a mesma moral. No entanto, observamos nos dias de hoje que o papel central que a escola e, especialmente, o ensino de história realiza na construção da memória coletiva dos grupos sociais esta sendo substituído pela mídia, com destaque para a televisão. Este processo significa não apenas mais um exemplo do papel da mídia na sociedade da informação, mas também uma profunda transformação dos princípios norteadores dos processos de elaboração da memória social. Nosso estudo pretende analisar o papel desempenhado pela mídia na construção da memória coletiva dos a.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Marcus Silva da Cruz - Coordenador.
2006 - 2008
Nas Fronteiras do Mundo Antigo. O problema da identidade entre o fim Antigüidade e os primórdios da Idade Média
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2013 - Atual
Periódico: Romanitas. Revista de Estudos Grecolatinos
2012 - Atual
Periódico: Revista Mundo Antigo
2008 - Atual
Periódico: Territórios e Fronteiras
2005 - Atual
Periódico: Revista Augustus (Rio de Janeiro)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CRUZ, M. S.2017CRUZ, M. S.; JOANONI NETO, V. . Entre o que se ensina e o que se aprende. Outros olhares sobre a construção da memória da ditadura e da Amazônia brasileiras. REVISTA BRASILEIRA DE HISTÓRIA & CIÊNCIAS SOCIAIS, v. 9, p. 284-303, 2017.

2.
CRUZ, M. S.2014CRUZ, M. S.. Gregório de Tours e Jordanes: a construção da memória dos ?bárbaros? no VI século. Acta Scientiarum. Education (Online), v. 36, p. 13-27, 2014.

3.
CRUZ, M. S.2014CRUZ, M. S.; JOAQUIM, I. R. . A conversão régia na Antiguidade Tardia. Um estudo comparativo entre os batismos de Clóvis e Etelberto. Labirinto (UNIR), v. 20, p. 56-72, 2014.

4.
CRUZ, M. S.2014CRUZ, M. S.; MAMEDES, K. C. C. B. M. . O poder das mulheres e a construção da memória na Antiguidade Tardia. O caso de Teodora e Clotilde. Revista Mundo Antigo, v. 3, p. 27-48, 2014.

5.
CRUZ, M. S.2013CRUZ, M. S.. Retórica e Poder na Construção da Imagem de Clóvis na História Francorum de Gregório de Tours. Mosaico (Goiânia), v. 6, p. 151-158, 2013.

6.
CRUZ, M. S.2013CRUZ, M. S.. Um homem renegado pelo pecado. A penitência de Milão e as relações entre a Igreja e o Império no final do IV século. Revista Diálogos Mediterrânicos, v. 5, p. 33-47, 2013.

7.
CRUZ, M. S.2013CRUZ, M. S.; Assis, gabriella Lima . A TEORIA DA OBRA HISTÓRICA EM HAYDEN WHITE: ENTRE A HISTÓRIA E A LITERATURA. Revista de História Comparada (UFRJ), v. 7, p. 75-89, 2013.

8.
CRUZ, M. S.2012CRUZ, M. S.. O discurso historiográfico como fonte. Revistas Diálogos Mediterrânicos, v. 3, p. 108-123, 2012.

9.
CRUZ, M. S.2012CRUZ, M. S.. O Paraíso Perdido: apontamentos sobre a Teoria da História e os historiadores. Revista Gnarus, v. 1, p. 5-9, 2012.

10.
CRUZ, M. S.2011CRUZ, M. S.. Religiosidade Tardo-Antiga e Cristianização do Império Romano. Territórios e Fronteiras (Online), v. 3, p. 295, 2011.

11.
Assis, gabriella Lima2010Assis, gabriella Lima ; CRUZ, M. S. . Desconstruindo a História: Hayden White e a Escrita da Narrativa. Mosaico (Goiânia), v. 3, p. 111-118, 2010.

12.
CRUZ, M. S.2008CRUZ, M. S.. A cristianização do Império Romano: uma proposta de análise. Candelária (Rio de Janeiro), v. V, p. 125-134, 2008.

13.
CRUZ, M. S.1988CRUZ, M. S.. A visão monástica nas cartas deSão Jerônimo. Revista do Departamento de História, Belo Horizonte, v. 7, p. 116-120, 1988.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
BOVO, C. R. (Org.) ; Leandro Rust (Org.) ; CRUZ, M. S. (Org.) . Anais Eletrônicos do IX Encontro Internacional de Estudos Medievais. O Ofpicio do nedievalista. Cuiabá: ABREM, 2011. v. 1. 349p .

Capítulos de livros publicados
1.
CRUZ, M. S.. Escrita da História na Antiguidade Tardia: reflexões para um debate com a historiografia contemporrânea. In: Antonio Gilberto Ramos Nogeuira; Antonio Luiz Macedo e Silva Filho. (Org.). Historia e histopriografia. Perspectivas e abordagens. 1ed.Recife: Editora Universitária da UFPE, 2014, v. , p. 70-84.

2.
CRUZ, M. S.. O uso dos documentos nas histórias eclesiásticas da Antiguidade Tardia. In: Marcelo Pereira Lima; Márcio Ricardo Coelho Muniz; Marina Regis Cavicchioli. (Org.). Tempo, história e ficção: ensaios sobre a Antiguidade e a Idade Média. 1ed.Salvador: Editora da Universidade da Bahia, 2014, v. 1, p. 101-122.

3.
PENA, J. X. ; CRUZ, M. S. . Uma cidade santa: a representação de Jerusalém na narrativa de Flávio Josefo. In: Candido Moreira Rodrigues; Leandro Duarte Rust; Vitale Joanoni Neto. (Org.). Territórios, memória e representações: ensaios de História. 1ed.Cuiabá: Editora da Unviersidade Federal de Mato Grosso, 2013, v. , p. 117-128.

4.
CRUZ, M. S.. A Escrita da História como Gênero Literário na Antiguidade Tardia. In: Terezinha Oliveira. (Org.). Reflexões sobre Educação, Cultura e Política: em cena o Medievo. 1ed.Cuiabá: Editora da Universidade Federal de Mato Grosso, 2013, v. , p. 21-30.

5.
CRUZ, M. S.. Transformação e continuidade do Império Romano: apontamentos para uma discussão historiográfica do conceito de Antiguidade Tardia. In: Dirceu Marchini Neto; Renata Cristina de Sousa Nascimento. (Org.). A Idade Média: entre a história e a historiografia. 1ed.Goiania: Editora PUC Goiás, 2012, v. , p. 321-338.

6.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust . Entre o clamor da palavra e a lâmina da espada: as missões no mundo antigo e medieval. In: MARTINS, Maria Cristina Bohn; ANZAI, Leny Caselli. (Org.). Pescadores de almas. Jesuítas no Ocidente e Oriente. 1ed.São Leopoldo: Editora da Unisinos, 2012, v. , p. 243-277.

7.
CRUZ, M. S.. Episcopoi e Ecclesia: reflexões sobre a função do bispo na história da Igreja. In: Maria Adenir Peraro. (Org.). Igreja Católica e os cem anos da Arquidiocese de Cuiabá. 1ed.Cuiabá: EdUFMT, 2009, v. , p. 17-27.

8.
CRUZ, M. S.; RODRIGUES, Cândido Moreira . Tempos e Histórias do Presente. Reflexões acerca da constituição da História do Tempo Presente e de suas temporalidades. In: Vitale joanone Neto; Marluza Harres. (Org.). História, Terra e Trabaho no Mato Grosso: ensaios teóricos e resultados de pesquisas. Cuiabá; São Leopoldo: EdUFMT; Oikos; Unisinos, 2009, v. , p. 49-65.

9.
CRUZ, M. S.. Virtudes romanas e valores cristãos: um estudo acerca da ética e da política na Antigüidade Tardia. In: Luiz Alberto de Boni. (Org.). Idade Média: ética e política. 2ªed.Porto Alegre: EDIPUCRS, 1996, v. , p. 21-39.

10.
CRUZ, M. S.. A tradição romano-helenística nas cartas de São Jerônimo. In: Andréia Cristina Frazão; Leila Rodrigues Roedel. (Org.). Fontes medievais: anotações para um estudo crítico. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1996, v. , p. 17-23.

11.
CRUZ, M. S.. O jejum e o domínio do corpo nas Cartas de São Jerônimo. In: Nely Maria Pessanha; Vera regina Figueiredo Bastian. (Org.). Vinho e Pensamento. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro; Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos, 1991, v. , p. 255-261.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, M. S.. Quem são os legítimos herdeiros? O conflito pela Paideia na Antiguidade Tardia. In: XVI CONGRESO LATINOAMERICANO DE FILOSOFÍA MEDIEVAL, 2017, Santiago - Chile. XVI CONGRESO LATINOAMERICANO DE FILOSOFÍA MEDIEVAL Actas. Santiago - Chile: Universidad Gabriela Mistral, 2017. p. 37-46.

2.
MAMEDES, K. C. C. B. M. ; CRUZ, M. S. . Opoder das mulheres e a contrução da memória na Antiguidade Tardia. O caso de Teodora e Clotilde. In: XIX Encontro Regional de História ANPUH/MG, 2014, Juiz de Fora. Anais Eletrônicos do XIX Encontro Regional de História ANPUH/MG, 2014.

3.
CRUZ, M. S.. A penitência de Milão. Uma proposta interpretativa para as relações entre Ambrósio e Teodósio.. In: XXVII Simpósio Nacional de História, 2013, Natak. Anais Eletrônicos do XXVII Simpósio Nacional de História. Natal: Universidade Federal do Rio Grande do Norte, 2013. v. 1. p. 1-12.

4.
CRUZ, M. S.. A "Vida de Orígenes" na História Eclesiástica de Eusébio de Cesaréia e aconstrução da identidade cristã no IV século. In: V Seminário Nacional de História da Historiografia: biografia e história intelectual, 2011, Mariana. 5º Seminário Nacional de História da Historiografia: biografia e história intelectual, 2011. p. 1-9.

5.
CRUZ, M. S.. ESCRITA DA HISTÓRIA NO FINAL DO IMPÉRIO ROMANO: O DISCURSO HISTORIOGRÁFICO PAGÃO E CRISTÃO NO IV SÉCULO. In: VI Encontro Regional da ANPUH MT, 2010, Cáceres. Escita da História. Cáceres: Editora UNEMAT, 2008. p. 1-554.

6.
CRUZ, M. S.. A representação do bispo de Roma no discurso historiográfico dos séculos IV e V. In: XIV Encontro Regional da Anpuh-Rio. Memória e Patrimônio, 2010, Rio de Janeiro. Anais do XIV Encontro Regional de História da ANPUH-Rio: Memória e Patrimonio. Rio de Janeiro: Numem, 2010.

7.
CRUZ, M. S.. A autoridade episcopal na Antigüidade Tardia: apontamentos historiográficos. In: I Simpósio Internacional de História "Territórios e Fronteiras", 2010, Cuiabá. Anais Eletrônicos do I Simpósio Internacional de História "Territórios e Fronteiras". Cuiabá: Anpuh MT, 2010. p. 331-338.

8.
CRUZ, M. S.. Religião e Identidade no discurso historiográfico do IV século: Eusébio de Cesaréia e Amiano Marcelino. In: XXV Simpósio Nacional de História, 2009, Fortaleza. Anais do ... Simpósio Nacional de História. Fortaleza: ANPUH, 2009.

9.
CRUZ, M. S.. Identidade e historiografia na Alta Idade Média. In: XIII Encontro de História ANPUH-Rio, 2008, Rio de Janeiro. Anais do XIII Encontro de História ANPUH - Rio, 2008.

10.
CRUZ, M. S.. Mídia, Memória e Ensino de História. In: X Jornadas Nacionales y I Internacional de Enseñanza de la Historia, 2008, Rio Cuarto. Anais da X Jornadas Nacionales y I Internacional de Enseñanza de la Historia, 2008.

11.
CRUZ, M. S.. A construção da identidade do homem medieval (séculos V - VII). In: I Encontro Regional da Associação Brasiliera de Estudos Medievais - RJ, 2007, Rio de Janeiro. Atas do I Encontro Regional da Associação Brasiliera de Estudos Medievais - RJ. Rio de Janeiro: H.P. Comunicação, 2006. p. 229-233.

12.
CRUZ, M. S.. O ser cristão e o triunfo da Igreja. Um estudo acerca das transformações da identidade do homem ocidental. In: XXIV Simpósio Nacional de História. História e multidisciplinaridade: terrritórios e deslocamentos, 2007, São Leopoldo. Anais Complementarios XXIV Simpósio Nacional de História. São Leopoldo: Unisinos, 2007.

13.
CRUZ, M. S.. A construção da identidade do homem medieval (séculos V-VII). In: I Encontro Regional da Associação Brasileira de Estudos Medievais, 2006, Rio de Janeiro. Anais do I Encontro Regional da Associação Brasileira de Estudos Medievais. Rio de Janeiro: H.P. Comunicação Editora, 2006. p. 229-233.

14.
CRUZ, M. S.. A problemática das origens do manacato cristão. In: XV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1996, Rio de Janeiro. Anais da XV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica. Curitiba: Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1995. p. 89-93.

15.
CRUZ, M. S.. A conversão da aristocracia de Roma: uma proposta de análise. In: III Semana de Estudos Medievais, 1995, Rio de Janeiro. Anais da III Semana de Estudos Medievais. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 1995. p. 51-57.

16.
CRUZ, M. S.. O monacato na literatura tardo antiga romana. In: XIII Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1994, Florianópolis. Anais da XIII Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica. Curitiba: Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1993. p. 61-64.

17.
CRUZ, M. S.. A nova visão do homem na historiografia cristã no IV século. In: XII Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1993, Porto Alegre. Anais da XII Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica. Curitiba: Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1992. p. 77-80.

18.
CRUZ, M. S.. São Jerônimo e a educação no IV século. In: Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1992, São Paulo. Anais da Reunião da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica. Porto Alegre: Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica, 1991. p. 63-66.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, M. S.. A representação do pagão e do cristão na História Eclesiástica de Eusébio de Cesaréia. In: II Encontro Internacional e III Nacional de História Antiga e Medieval do Maranhão, 2009, São Luis. Cadernos de Resumo do II Encontro Internacional e III Nacional de História Antiga e Medieval do Maranhão. São Luis: Universidade Estadual do Maranhão, 2009. p. 91-92.

2.
CRUZ, M. S.. Religião e Identidade no discurso historiográfico do IV século: Eusébio de Cesaréia e Amiano Marcelino. In: XXV Simpósio Nacional de História ANPUH, 2009, Fortaleza. Resumos do XXV Simpósio Nacional de História ANPUH. Fortaleza: ANPUH, 2009. p. 465-475.

3.
CRUZ, M. S.. A Paidéia greco-romana e a construção da identidade pagã e cristã no IV século. In: VIII Encontro Internacional de Estudos Medievais, 2009, Vitória. Caderno de Resumos do VIII Encontro Internacional de Estudos Medievais. Vitória: ABREM, 2009. p. 63-63.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, M. S.. O discurso historiográfico no IV século: rupturas e permanências. In: II Encontro Regional da ABREM e I Encontro do Translatio Studii, 2008, Niteroi. Cadernos de Resumos do II Encontro Regional da ABREM e I Encontro do Translatio Studii. Niteroi: ABREM, 2008. p. 31-31.

2.
CRUZ, M. S.. A escrita da História no final do Império Romano. In: V Encontro Regional de História - ANPUH\MT, 2008, Cáceres. Caderno de Resumo do V Encontro Regional de História - ANPUH\MT. Cáceres: ANPUH\MT, 2008. p. 22-22.

3.
CRUZ, M. S.. Mídia, memória e Ensino de História. In: X Jornadas Nacionales y I Internacional de Enseñnaza de la Historia, 2008, Rio Cuarto. Cadernos de Resumos da X Jornadas Nacionales y I Internacional de Enseñnaza de la Historia. Rio Cuarto: Instituto Superior Ramon Menendez Pidal, 2008. p. 31-31.

4.
CRUZ, M. S.. O ser cristão e o triunfo da Igreja. Um estudo acerca das transformações da identidade do homem ocidental. In: XXIV Simpósio Nacional de História. História e multidisciplinaridade:territórios e deslocamentos, 2007, São Leopoldo. História e Multidisciplinaridade: territórios e deslocamentos: Cadernos de Resumos do XXIV Simpósio Internacional Nacional de História. São Leopoldo: Oikos, 2007. p. 402-402.

Apresentações de Trabalho
1.
CRUZ, M. S.. OS PRIMEIROS HISTORIADORES 'BÁRBAROS'. O DISCURSO HISTÓRICO DOS REINOS ROMANO GERMÂNICOS (SÉCULO VI). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
CRUZ, M. S.. A longa travesssia nos mares nunca d'antes navegados: considerações acerca dos diálogos historiográficos na medievalística Ibero-americana. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
CRUZ, M. S.. A penitência de Milão. Uma proposta interpretativa para as relações entre Ambrósio e Teodósio. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
CRUZ, M. S.. A escrita da História como gênero literário na Antiguidade Tardia. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
CRUZ, M. S.. AS relações entre o imperador e os bispos nos discursos históricos do IV e V século. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
CRUZ, M. S.. Invasões germânicas na Península Ibérica a partir da ótica de um historiador hispânico Paulo Orósio. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
CRUZ, M. S.. A Escrita da História na Antiguidade Tardia: reflexões para um debate com historiografia contemporânea.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
CRUZ, M. S.. A Historiografia como Documento para o Estudo das Identidades e das Representações no IV Século. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
CRUZ, M. S.. Historiografia Clássica e Tradição Oral. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
CRUZ, M. S.. A Representação do pagão e do cristão na História Eclesiástica de Eusébio de Casaréia. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
CRUZ, M. S.. Mídia, Memória e Ensino de História. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
CRUZ, M. S.. A Escrita da História no final do Império Romano: o discurso historiográfico pagão e cristão no IV século.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
CRUZ, M. S.. Episcopoi e Ecclesia: reflexões sobre a função do bispo na história da Igreja. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
CRUZ, M. S.. O discurso historiográfico no IV século: rupturas e permanências. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
CRUZ, M. S.. O corpo sagrado da monarquia visigoda. Macéio: Universidade Federal de Alagoas, 2013 (Resenha).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
CRUZ, M. S.. Comitê Interno PIBIC da Universidade Federal de Mato Grosso. 2011.

2.
CRUZ, M. S.. Orientações Curriculares para a Educação Básica do Estado de Mato Grosso. 2009.

Trabalhos técnicos
1.
CRUZ, M. S.. Parecer para publicação de livro. 2012.

2.
CRUZ, M. S.. Parecer de resenha para a Revista Diálogos Mediterraneos. 2011.

3.
CRUZ, M. S.. Parecer para a Editora da Universidade Federal do Paraná. 2010.

4.
CRUZ, M. S.. Comissão Julgadora Interna de Premiação Editorial. 2010.

5.
CRUZ, M. S.. Parecer para a Revista SIGNUM. 2010.

6.
SILVA, Andréia Cristina Lopes Frazão da ; SILVA, Leila Rodrigues da ; CRUZ, M. S. . Atas da VII Semana de Estudos Medievais. 2008.

7.
SILVA, Andréia Cristina Lopes Frazão da ; SILVA, Leila Rodrigues da ; CRUZ, M. S. . Atas da VII Semana de Estudos Medievais. 2008.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
VIEIRA, T. L.; SALIBA, E. T.; CRUZ, M. S.; RODRIGUES, C. M.. Participação em banca de Nathaly Almeida Sena. Já podmeos rir? Novas questões em cena por meio da trajetória do Asdrúbal trouxe o trombone (1970-1980). 2018. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

2.
CRUZ, M. S.; VIEIRA, T. L.; RAMOS, R. P.. Participação em banca de Gustavo Henrique Ferreira Rodrigues. De que é que ele se ri? - Dramaturgia e historicidade: Computa, computador, computa (1972) e É...(1977) de Millôr Fernandes. 2017. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

3.
Leandro Rust; FRIGHETTO, F. R. F.; BOVO, C. R.; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Tiago Vieira de Melo. Legitimidade, autoridade e hierarquia: as variações de um pensamento político de Pedro de João Olivi (1279-1295). 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

4.
RODRIGUES, C. M.; CRUZ, M. S.; Peixoto, R. A.. Participação em banca de Alencar Cardoso da Costa. Antiliberalismo e autoritarismo nos escritos de Carl Schmitt (1919-1933). 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

5.
SILVA, L. R.; Paulo Duarte; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Vanessa Gonçalves Paiva. Os embates de Eulália de Mérida: Conflito, poder e santidade na Península Ibérica dos séculos IV ao VIII. 2015. Dissertação (Mestrado em História Comparada) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
Renan Friguetto; CRUZ, M. S.; BRANDAO, B. G. S. L.. Participação em banca de Diego Schneider Martinez. Uma releitura cristã da história: a História Adversus Pafganos de Orósio e a teoria dos quatro impérios. 2014. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal do Paraná.

7.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust; COELHO, M. F. P. C.; ANZAI, L. C.. Participação em banca de Débora Cristina dos Santos Fereira. Servindo ao Santo Ofício entre a norma e p o póder: os agentes inquiisitoriais (1580-1640). 2014. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

8.
Leandro Rust; CRUZ, M. S.; Luiz Augusto Passos; BOVO, C. R.. Participação em banca de Vítor Silva Meireles. O amor nada sabe dos pecados - a mística de Mestre Eckrhart como anulação do sacrifício. 2014. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

9.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust; COSTA, M. C.; RODRIGUES, C. M.. Participação em banca de Sílvia Sgroi Brandão. Em busca de um conceito de indivíduo: análise historiográfica das escritas de Lucien Febvre e Carlo Ginzburg. 2013. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

10.
CRUZ, M. S.; BOVO, C. R.; CARVALHO, M. M.; Leandro Rust. Participação em banca de Eduardo Silva Leite. O casamento nas epístolas de São Jerônimo. 2013. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

11.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust; Marcella Guimarães. Participação em banca de Gabriella Lima de Assis. A construção da narrativa em Visão do Paraíso de Sérgio Buarque de Holanda. 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

12.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust; Renan Friguetto; Flávio Ferreira Paes Filho. Participação em banca de Joabson Xavier Penna. O imaginário de Jerusalém em Flávio Josefo. 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

13.
Pio Penna; Carlos Eduardo Vidigal; Leonice Alves; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Graziano Uchôa Pinto da Silva. A era Stroessner: uma análise da cultura política (1954-1970). 2011. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

14.
Ernesto Cervera Sena; Osvaldo Machado Filho; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Bruno Pinheiro Rodrigues. Paixão da Alma: O Suícidio de Cativos em Cuiabá (1850-1888). 2009. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

15.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Bruno Gonçalves Álvaro. A construção das masculinidades em Castela no século XIII: um estudo comparativo do Poema de Mio Cid e a Vida de Santo Domingos de Silos. 2008. Dissertação (Mestrado em História Comparada) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

16.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Paulo Duarte Silva. Ciclo Pascal e Normatização Litúrgica no século VI: análise comparativa de Arles e Braga. 2008. Dissertação (Mestrado em História Comparada) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

17.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Maria Arlinda da Silva Lima. Garimpo e ocupação territorial: em estudo acerca dos efeitos sociais provocados pela redução da atividade garimpeira no mnicípio de Peixoto de Azevedo (MT), a aprtir de 1990. 2008. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

18.
CRUZ, M. S.; SILVA, Leila Rodrigues da; SILVA, Andréia Cristina Lopes Frazão da. Participação em banca de Alex da Silveira de Oliveira. O corpo nas regras monásticas da Galiza e nas atas conciliares de Toledo no século VII: Um estudo comparativo. 2006. Dissertação (Mestrado em História Comparada) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

19.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Dayse Medeiros dos santos. Parãmetros Curriculares nacionais em Ação e a Prática Docente. 2004. Dissertação (Mestrado em Pedagogia) - Instituto Superior de Estudos Pedagogicos.

Teses de doutorado
1.
CRUZ, M. S.; BENTIVOGLIO, J. C.; SILVA, A.; REIS, A. R.; VIEIRA, T. L.. Participação em banca de Gabriella Lima de Assis. Raízes do paraíso: uma análise whiteana de Sérgio Buarque de Holanda. 2017. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

2.
CRUZ, M. S.; SILVA, L. R.; SILVA, A. C. L. F.; FREITAS, E. C.; CHEVITARESI, A. L.. Participação em banca de Paulo Duarte Silva. Poder episcopal, pregação e calendário nos séculos V e VI: Natal e Páscoa nos sermões de Leão de Roma e de Cesário de Arles (440-542). 2014. Tese (Doutorado em História Comparada) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
GONCALVES, A. T. M.; CRUZ, M. S.; SILVA, G. V.; SANTOS, D. O. A.; OMENA, L. M.; CARVALHO, M. M.; SOUZA, A. M.. Participação em banca de Rosane Dias de Alencar. As imagens de Constantino I nos documentos textuais dos séculos IV e VI: multiplas faces do poder em Roma. 2012. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Goiás.

Qualificações de Doutorado
1.
MARTA, J. M. C.; RODRIGUES, C. M.; RIBEIRO, R. R.; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Matheus de Mesquita e Pontes. A produção escriturária de Jorge Amado. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

Qualificações de Mestrado
1.
SILVA, L. R.; Paulo Duarte; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Nathália Cardoso Rachid. O "ciclo de peste" do Homiliário de Toledo e o castigo divino no discurso eclesiástico. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em História Comparada) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
SILVA, L. R.; CRUZ, M. S.; SILVA, A. C. L. F.. Participação em banca de vanessa Gonçalves Paiva. Os combates de eulália de Mérida: martírio e cristianização na Península Ibérica dos séculos IV e VII. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História Comparada) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
Leandro Rust; CRUZ, M. S.; REIS, A. R.; BOVO, C. R.. Participação em banca de Cassiana Inês Geremias dos Santos. Negociando o sagrado: as missões jusuítas e os limites da cristianização na história de Japam (1548-1572). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

4.
Leandro Rust; CRUZ, M. S.; RAMOS, A. A. Z.; BOVO, C. R.. Participação em banca de Vítor Silva Meirelles. Mestre Eckhart: liberdade, transcendência e ousadia teológica. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

5.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust; COELHO, M. F. P. C.; REIS, A. R.. Participação em banca de Débora Cristina dos Santos Ferreira. Os agentes do Santo Ofício: poder e norma. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

6.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust; RODRIGUES, C. M.; Osvaldo Machado Filho. Participação em banca de Sílvia Sgroi Brandão. Em busca de um conceito de indivíduo: análise historiográfica das escritas de Lucien Febvre e Carlo Ginzburg. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

7.
Leonice Alves; RODRIGUES, C. M.; PINHEIRO, M. S.; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Flávio Conche do Nascimento. O estado do Estado na Bolívia. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

8.
Leonice Alves; RODRIGUES, C. M.; SOUZA, H. C.; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Jacqueline da Silva Alencar. O SINTEP/MT: uma análise sócio-histórica. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

9.
Leandro Rust; RODRIGUES, C. M.; JOANONI NETO, V.; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Jozy mary Nogueira Souza. A modernidade e o consumo da religião: o ensino religioso e as práticas. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

10.
CRUZ, M. S.; Leandro Rust; RODRIGUES, C. M.; Osvaldo Machado Filho. Participação em banca de Sílvia Sgroi Brandão. Em busca de um conceito de indivíduo: análise historiográfica das escritas de Lucien Febvre e Carlo Ginzburg. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

11.
BORGES, F. T. M.; CRUZ, M. S.; Osvaldo Machado Filho; PERARO, M. A.. Participação em banca de David Campos Martins. A formação do Corpo Policial na província de Mato Grosso no século XIX (1831-1858). 2012. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
CRUZ, M. S.; ANZAI, L. C.; Ferreira, D.C.S.. Participação em banca de Kelly Cristina da Costa Bezerra de Menezes Mamedes.Teodora: a face do poder feminino na Corte de Justiniano. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

2.
CRUZ, M. S.; Rodrigues, J.P.; LEITE, E. S.. Participação em banca de Itajara Rodrigues Joaquim.Como o reino da Nortúmbria recebeu a palavra de Deus: a importância monárquica no processo de cristianização da Grã-Bretanha na Historia Ecclesiastica Gentis Anglorum. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

3.
Flávio Ferreira Paes Filho; CRUZ, M. S.; ALMEIDA, R. D.. Participação em banca de Geraldo Xavier Santana.A importância do apóstolo Paulo na expansão do Cristianismo. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

4.
CRUZ, M. S.; Carlile Lanzieri Junior; LEITE, E. S.. Participação em banca de Bruna Amorim Müller.A figura do bispo na obra de Gregório Magno. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

5.
CRUZ, M. S.; Flávio Ferreira Paes Filho; Carlile Lanzieri Junior. Participação em banca de Roberta Aparecida Farias Pereira.A representação da infância na Antiguidade Tardia a partir das Confissões de Agostinho. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

6.
Leandro Rust; CRUZ, M. S.; SANTOS, C. I.; OLIVEIRA, A. M.. Participação em banca de Robson dos Santos.O Codex Calixtinus e a economia dos poderes políticos: um discurso da eclesiologia ibérica entre 1160 e 1170. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

7.
Marcelo Fronza; CRUZ, M. S.; FERNANDES, R. M. S.; SOARES, C. R.. Participação em banca de Amanda Mota Viana.Om processo de transição do amadorismo ao profissionalismo no futebol brasileiro. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

8.
CRUZ, M. S.; ALMEIDA, R. D.; SOARES, C. R.; FERNANDES, R. M. S.. Participação em banca de Viviane Gomes Gonçalves.O futebol e identidade nacional: uma reflexão sobre os estudos de Richard Giulianotti em sua obra "Sociologia do futebol - dimensões históricas e socioculturais do esporte das multidões. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

9.
CRUZ, M. S.; ALMEIDA, R. D.; ALENCAR, J. S.; BARCELOS, S. P.. Participação em banca de Eliane do Prado Silva.A formação do sindicato intermunicipal dos trabalhadores metalúrgicos de Cuiabá e região. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

10.
CRUZ, M. S.; Flávio Ferreira Paes Filho; LEITE, E. S.; PENA, J. X.. Participação em banca de Saulo Correia Gomes.A mão de Deus. Um estudo acerca do providencialismo no Historiae adversus paganus de Paulo Orósio. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

11.
Leandro Rust; CRUZ, M. S.; MARTINS, D. F. A.; FERNANDES, R. M. S.. Participação em banca de Pollyana Iris Lima de sousa.Política e sagrado na correspondência de Bernardo de Claraval (1090-1153). 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

12.
Leandro Rust; CRUZ, M. S.; RIBEIRO, R. R.; SANTOS, C. I.. Participação em banca de André Marinho de Oliveira.Inventando o inimigo: o discurso sobre os Cátaros na História Albigenses como estratégia discursiva da condição clerical (1198-1218). 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

13.
Leandro Rust; CRUZ, M. S.; ALMEIDA, R. D.; SANTOS, C. I.. Participação em banca de Douglas de Freitas Almeida Martins.A economia moral do pensamento franciscano: poder, sociabilidade, riqueza e pobreza nas Vita de Tomás de Celano 1228-1246. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

14.
Leandro Rust; ALMEIDA, R. D.; SANTOS, C. I.; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Daniel Rodrigues Nardes Campos.Ano mil: concepções historiográficas. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

15.
Leandro Rust; BOVO, C. R.; CRUZ, M. S.. Participação em banca de Kelly Lohnhoff de Souza.O rei guerreiro abatido por por vingança divina: os limites da clericalização da morte no reino anglo-normando do século XII. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

16.
CRUZ, M. S.; Leonice Alves; José Amilcar Bertolini de Castro. Participação em banca de Paulo César de Souza Coutinho.Mídia cinematográfica e o ensino de História. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

17.
CRUZ, M. S.; Leonice Alves; José Amilcar Bertolini de Castro. Participação em banca de Célia Jorge da Silva.Televisão e ensino de História: entre o senso comum e o conhecimento científico. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

18.
CRUZ, M. S.; Flávio Ferreira Paes Filho; Leandro Rust; BRANDAO, S. S.. Participação em banca de Débora Cristina dos Santos Ferreira.Entre dois poderes: o estabecimento da Inquisição portuguesa e o processo de formação do Estado (século XVI). 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

19.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Eduardo Leite da Silva.O casamento nas epístolas de São Jerônimo. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

20.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Sílvia Sgroi Brandão.O conceito de indivíduo em Lucien Febvre e Carlo Ginzburg. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

21.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Sue Ellen Allesandra Pires Silva.Festa de São Pedro em Bom Sucesso: religiosidade e cultura em Várzea Grande. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

22.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Débora Roberta Borges.A Fundação UNI-SELVA - 1970. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

23.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Wiviane Santana de Almeida.A contribuição dos estudos do GERA-NEPCHS para o desenvolvimento Mato-grossense. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

24.
Flávio Ferreira Paes Filho; CRUZ, M. S.; Leonice Alves. Participação em banca de Dellanes Venancio Dias.Centro Cultural Casa Cuiabana (1983-20030. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

25.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Cândida Cespedes Ribeiro.Cuiabá e seu centro histórico: espaçosurbanos complexos e polissêmicos (1968-1992). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

26.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Daril DomingosMotta.O conteúdo da disciplina História na educação de jovens e adultos (1988-2007). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

27.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Adriana de Freitas.Dom Helder Câmara e sua influência na Igreja Católica brasileira (1968-1985). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

28.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Ana Flávia Silva Conceição.A ação católica na cidade de Cuiabá (1937-1945). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

29.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Cássia Silvis Monezi.A Atuação Social da Arquidiocese de Cuiabá (1956 a 1981). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.

30.
CRUZ, M. S.. Participação em banca de Cássia Sílvia Monezi.A atuação social da Arquidiocese de Cuiabá (1956-1981). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
CRUZ, M. S.; JOANONI NETO, V.; Leonice Alves; RODRIGUES, C. M.; RIBEIRO, R. R.; CANOVA, L.. Concurso Público de provas e Títulos para Provimento de cargo Docente. 2012. Universidade Federal de Mato Grosso.

2.
RIBEIRO, R. R.; MARQUES, A. M.; LEITE, J. L.; CRUZ, M. S.; Leandro Rust; Osvaldo Machado Filho. Concurso Público de Provas e Títulos para provimento de cargos na carreira do magistério superior. 2012. Universidade Federal de Mato Grosso.

3.
Pablo Diener; CRUZ, M. S.; Jose Antônio de Souza. ConcursoPúblico de Provas e Títulos para Provimento de Cargo Docente em História Antiga e Medieval. 2008. Universidade Federal de Mato Grosso.

4.
CRUZ, M. S.; Flávio Ferreira Paes Filho; José Jivaldo Lima. Concurso de Provas e Títulos para provimento de Cargo Docente na área de História Antiga e Medieval. 2008. Universidade Federal de Mato Grosso.

5.
CRUZ, M. S.. Concurso de Seleção de Professor Substituto. 2007. Universidade Federal de Mato Grosso.

6.
CRUZ, M. S.. Concurso Público para Professor de Ensino de 1 e 2 grau na área de História. 2006. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso.

Outras participações
1.
CRUZ, M. S.; José da Costa Marques Filho; Marcelino Alves Rosa de Páscoa; Lia Hanna Martins Monta; Édila Cristina de Souza. Comissão Julgadora da Premiação Editorial da Editora da UFMT. 2010. Universidade Federal de Mato Grosso.

2.
RODRIGUES, C. M.; CANAVARROS, O.; CARVALHO, E. B.; CRUZ, M. S.; Leandro Rust; BERTOLINI, C. A.. Teste Seletivo para professor Substituto. 2009. Universidade Federal de Mato Grosso.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
III Encontro Nacional do VIVARIUM/III Encontro Internacional de História Antiga e Medieval da Amazônia. O CORDEIRO NO ALTAR DA VITÓRIA Conflitos culturais e religiosos na Antiguidade Tardia. 2018. (Congresso).

2.
o II Seminário Internacional Intercâmbios Historiográficos / 20 anos de criação do Grupo de Pesquisa História Popular do Nordeste (HPOPNET),.O poder da memória/a memória no poder: Observações para um debate. 2017. (Seminário).

3.
XVI Congreso Latinoamericano de Filosofia Medieval. Quem são os legítimos herdeiros? O conflito pela Paidéia na Antigidade Tardia. 2017. (Congresso).

4.
V Seminário de Integração de Prática Docente: experiencias e desafios do ensino e da pesquisa em História.Da Universidade ao mercado de trabalho. 2016. (Seminário).

5.
V Seminário de Integração de Prática Docente: experiencias e desafios do ensino e da pesquisa em História.O Instituto de Geografia, História e Documentação em debate. 2016. (Seminário).

6.
I Encontro Internacional de História Antiga e Medieval na Amazônia.A retórica e identidades nas Histórias Eclesiásticas da Antiguidade Tardia. 2014. (Encontro).

7.
III Encontro Regional da ABREM Centro Oeste - I Seminário Internacional de História Medieval -História, Política e Poder.Poder Político e Antiguidade Tardia. 2014. (Seminário).

8.
Ciclo de Palestras Vivarium.Veredas medievais do sertão: uma aproximação dos elementos do medievo na obra de Guimarães Rosa. 2013. (Outra).

9.
Cinema pela Verdade.Debate sobre o documentário "Mariguella". 2013. (Outra).

10.
Cinema pela Verdade.Debate sobre o filme "No". 2013. (Outra).

11.
I Encontro Nacional Vivarium: olhares sobre a Antiguidade e o Medievo.O uso do documento nas Histórias Eclesiásticas da Antiguidade Tardia. 2013. (Encontro).

12.
I Encontro Nacional VIVARIUM: Olhares sobre Antiguidade e o Mo Medievo.O uso do documento nas Histórias Eclesiásticas da Antiguidade Tardia. 2013. (Encontro).

13.
I Simpósio Sudeste da ABHR / I Simpósio Internacional da ABHR.Heresias e hereges nas Histórias Eclesiásticas da Antiguidade Tardia (séculos IV-VI). 2013. (Simpósio).

14.
X Encontro Internacional dos Estudos Medievais da ABREM.A longa travessia nos mares nunca d'antes navegados: considerações acerca dos diálogos historiográficos na medievalística IIbero-americana. 2013. (Encontro).

15.
XII Jornada de Estudos Antigos e Medievais e IV Jornada Internacional de Estudos Antigos e Medievais. GREGÓRIO DE TOURS E JORDANES: A CONSTRUÇÃO DA MEMÓRIA DOS ?BÁRBAROS? NO VI SÉCULO.. 2013. (Congresso).

16.
XXVII Simpósio Nacional de História.A penitência de Milão. Uma proposta interpretativa para as relações entre Ambrósio e Teodósio. 2013. (Simpósio).

17.
Cidades: Memória, partrimonio e ensino de História em Mato Grosso.Pesquisa de Pós-Graduação: mestrado e doutorado em História da UFMT. 2012. (Encontro).

18.
I Congresso Nacioanla península Ibérica: Antiguidade, Medievo e suas projeções no século XVI. Invasões germânicas na Península Ibérica a partir da ótica de um historiador hispânico Paulo Orósio. 2012. (Congresso).

19.
III Seminário Internacional: história e Historiografia.Escrita da História. 2012. (Simpósio).

20.
XI Jornada de estudos Antigos e medievais.A escrita da história na Antiguidade Tardia. 2012. (Outra).

21.
XV Encontro regional de História ANPUH/RJ.As relações entre o imperador e os bispos nos discursos históricos do IV e V século. 2012. (Encontro).

22.
I Colóquio Internacional de Estudos Medievais e I Encontro do GEPEM (Grupo de Estudos e Pesquisas do Medievo).A Pesquisa em História Medieval. 2011. (Outra).

23.
I Simpósio de Integração da Prática Docente.O PPGHis e suas linhas e pesquisa. 2011. (Simpósio).

24.
IX Encontro Internacional dos Estudos Medievais.Em que pensam os medievalistas. 2011. (Encontro).

25.
Jornada de Estudos medievais.In Hoc Signo Vinces. A política religiosa de Constantino e a "conversão" do Império Romano. 2011. (Outra).

26.
V Seminário Nacional de História da Historiografia: biografia e história intelectual.A Vida de Orígenes na História Eclesiástica de Eusébio de Cesaréia e a construção da identidade cristã no Iv século. 2011. (Seminário).

27.
XIII Simpósio Nacional da Associação Brasileira de História das Religiões.Identidade cristã e a tradição judaica na História Eclesiástica de Eusébio de Cesaréia. 2011. (Simpósio).

28.
I Encontro Regional da ABREM Centro Oeste.O monacato erudito jeronimiano: o caso do Círculo do Aventino. 2010. (Encontro).

29.
III Encontro Regional dos Estudantes de História do Centro Oeste.A aplicabilidade do conhecimento histórico na sociedade. 2010. (Encontro).

30.
I Simpósio Internacional de História "Territórios e Fronteiras".A autoridade episcopal na Antiguidade Tardia: apontamentos historiográficos. 2010. (Simpósio).

31.
V Encontro Estadual de História ANPUH-BA.Memória e Identidade na História Eclesiástica de Eusébio de Cesaréia. 2010. (Encontro).

32.
VI Encontro Regional da ANPUH MT.A autoridade episcopal na Antiguidade Tardia: a pontamentos historiográficos. 2010. (Encontro).

33.
XIV Encontro Regional de História da ANPUH-Rio.A representação do bispo de Roma no discurso historiográfico dos séculos IV e V. 2010. (Encontro).

34.
II Colóquio Nacional do CPCIR.A Historiografia como Documento para o Estudo das Identidadese das Representações no IV Século. 2009. (Outra).

35.
II Encontro Internacional e III Nacional de História Antiga e Medieval do Maranhão.A representação do pagão e do cristão na História Eclesiástica de Eusébio de Cesaréia. 2009. (Encontro).

36.
VII Encontro de História Oral do Centro Oeste e Amazônia - História, Trabalho e Migrações.Historiografia Clássica e Tradição Oral. 2009. (Encontro).

37.
VIII Encontro Internacional de Estudos Medievais.A Paidéia greco-romana e a construção da identidade pagã e cristã no IV século. 2009. (Encontro).

38.
XXV Simpósio Nacional de História ANPUH.Religião e Identidade no discurso historiográfico do IV século: Eusébio de Cesaréia e Amiano Marcelino. 2009. (Simpósio).

39.
II Encontro Regional da ABREM e I Encontro do Translatio Studii.O discurso historiográfico no IV século: rupturas e permanências. 2008. (Encontro).

40.
Seminário do Jubileu: a Igreja Católica em Mato Grosso e os cem anos da Arquidiocese de Cuiabá.Episcopoi e Ecclesia: reffflexões sobre a função do bispo na história da Igreja. 2008. (Seminário).

41.
V Encontro Regional de História - ANPUH\MT.A escrita da história no final do Império Romano. 2008. (Encontro).

42.
X Jornadas Nacionales y I Internacional de Enseñnaza de la Historia.Mídia, memória e Ensino de História. 2008. (Simpósio).

43.
XXIV Simpósio Nacional de História. História e multidisciplinaridade: territórios e deslocamentos.O ser cristão e o triunfo da Igreja. Um estudo acerca das transformações da identidade do homem ocidental. 2007. (Simpósio).

44.
I Encontro Regional da Associação Brasileira de Estudos Medievais.A Construção da Identidade do Homem Medieval. 2006. (Simpósio).

45.
I Encontro Regional da Associação Brasileira de Estudos Medievais.A construção da identidade do homem medieval (séculos V-VII). 2006. (Encontro).

46.
Semana Acadêmica das Faculdades Integradas Simonsen.A Literatura como documento para a História. 2004. (Outra).

47.
Universidade Estadual de Londrina.A teoria e a metodologia na formação do educador em História como tema interdisciplinar. 2003. (Encontro).

48.
IX Simpósio Regional de História.Os sonhos nas hagiografias da Antigüidade Tardia. 2000. (Simpósio).

49.
II Encontro Internacional de Estudos Medievais.As virtudes romanas e o imaginário aristocrático tardo antigo romano. 1997. (Encontro).

50.
XIX Simpósio Nacional de História.O "mos maiorum" e a conversão da aristocracia de Roma. 1997. (Simpósio).

51.
I Encontro Regional de História.Viagens e viajentes no imaginário medieval. 1996. (Encontro).

52.
I Ciclo de Debates do Programa de Estudos Medievais.A Idade Média no cinema: a guerra dos cem anos. 1995. (Outra).

53.
I Encontro Internacional de Estudos Medievais.O discurso cristão e a conversão da aristocracia de Roma no IV século. 1995. (Encontro).

54.
III Encontro de Estudos Medievais.A Conversão da Aristocracia de Roma: uma proposta de análise. 1995. (Encontro).

55.
II Jornada de Pesquisadores em Ciências Humanas.A nova religiosidaede tardo-romana e o triunfo do cristianismo. 1995. (Outra).

56.
V Encontro de Filosofia Medieval.Virtufes romanas e valores cristãos: um estudo acerca da ética e da política na Antigüidade Tardia. 1995. (Encontro).

57.
XIII Seminário de Pesquisa e Extensão da Universidade Federal do Espírito Santo.A hagiografia monástica e a construção do santo medieval. 1995. (Seminário).

58.
X Simpósio de História.Jesus Histórico. 1995. (Simpósio).

59.
X Simpósio de História.Religião e sociedade urbana no IV século. 1995. (Simpósio).

60.
X Simpósio de História.A aristocracia romana no IV século. 1995. (Simpósio).

61.
XV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica.A problemática das origens do monacato cristão. 1995. (Simpósio).

62.
Ciclo de Filmes sobre a Idade Média.Poder e saber na Idade Média. 1994. (Outra).

63.
I Jornada de pesquisadores em Ciências Humanas.O poder na Antigüidade Tardia a partir de uma perspectiva cristã: a construção do poder papal. 1994. (Outra).

64.
I Simpósio Internacional de História Antiga e Medieval do Cone Sul / VI Simpósio de História Antiga.A Política Religiosa dos Imperadores Cristãos de Constatino a Teodósio. 1994. (Simpósio).

65.
IX Encontro Estadual da Associação Nacional de História.As novas perspectivas de análise da Cristianização da Aristocracia Romana. 1994. (Encontro).

66.
V Jornadas Medievales.Uma contribuição ao debate acerca da Antigüidade Tardia. 1994. (Outra).

67.
XV Semana de Estudos Clássicos.O texto literário como fonte histórica para o estudo da Antigüidade Tardia: São Jerônimo. 1994. (Encontro).

68.
A Idade Média no Cinema.Abelardo e Heloísa: um estudo sobre o amor cortês. 1993. (Outra).

69.
Ciclo de Debates: imagens da Idade Média.Entre a piedade e o desejo. 1993. (Outra).

70.
I Congresso de Ciências Humanas, Letras e Artes de Minas Gerais. A busca de explicações para o saque de Roma por Alarico 410 d.C.. 1993. (Congresso).

71.
II Encontro de Estudos Medievais.A Construção da Cultura Cristã. 1993. (Encontro).

72.
IX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos.A heresia origenista nas Cartas de São Jerônimo. 1993. (Simpósio).

73.
IX Simpósio de História.Aspectos da cristianização da Aristocracia Romana. 1993. (Simpósio).

74.
XIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica.O monacato na literatura tardo antiga romana. 1993. (Simpósio).

75.
XII Seminário de Pesquisa da Universidade Federal do Espírito Santo.Evangelização e Monacato na Antigüidade Tardia. 1993. (Seminário).

76.
XIV Semana de Estudos Clássicos.São Jerônimo: a problemática das traduções do texto bíblico. 1993. (Encontro).

77.
VIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos.São Jerônimo e suas Viagens. 1992. (Simpósio).

78.
XIII Semana de Estudos Clássicos.São Jerônimo: conciliador de culturas. 1992. (Encontro).

79.
XII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica.A Nova Visão do Homem na Historiografia Cristã do IV século. 1992. (Simpósio).

80.
I Encontro de Estudos Medievais.Alguns caminhos da Cristianização da sociedade na Antigüidade Tardia. 1991. (Encontro).

81.
VI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos/IV Simpósio de História Antiga e Medieval.O Cristianismo no no "Círculo Espiritual do Aventino" através das Cartas de São Jerônimo. 1991. (Simpósio).

82.
XII Semana de Estudos Clássicos.O Estudo e as Letras Clássicas no Monacato. 1991. (Encontro).

83.
XII Semana de Estudos Clássicos.O Paganismo e o Cristianismo na Antigüidade Tardia. 1991. (Encontro).

84.
XI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Pesquisa Histórica.São Jerônimo e a Educação. 1991. (Simpósio).

85.
Seminário de Pesquisa.A perspectiva cristão oriental dos fenômenos do IV século: São Jeronimo. 1990. (Seminário).

86.
VI Colóquio de História da Ciência.O nascimento da Historiografia Cristã no IV século. 1990. (Outra).

87.
V Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Estdos Clássicos.O Jejum e o domínio do corpo nas Cartas de São Jerônimo. 1990. (Simpósio).

88.
X Simposio Nacional de Estudios Clasicos.A Cultura Clássica nas Cartas de São Jerônimo. 1990. (Simpósio).

89.
V Jornadas de Estudios Clasicos.Alguns Principios do pensamento moral de São Jerônimo. 1989. (Simpósio).

90.
III Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos.Ideologia e Política em São Jerônimo. 1988. (Simpósio).

91.
III Simpósio nacional de História Antiga e Medieval.A vida monástica nas cartas de São Jerônimo. 1988. (Simpósio).

92.
IX Semana de Estudos Clássicos.A mulher na Carta XXII de São Jerônimo. 1988. (Encontro).

93.
X Simpósio Nacional de Estudios Clasicos.O Novo Homem da Antigüidade Tardia. 1988. (Simpósio).

94.
II Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos.Algumas Considerações sobre a posição da Igreja na Antigüidade Tardia. 1987. (Simpósio).

95.
II Reunião da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos.Relação entre prática e o discurso na Antigüidade Tardia. 1987. (Simpósio).

96.
X Jornada de Iniciação Científica da UFRJ.O saque de Roma de 410 na perspectiva de um romano-cristão: São Jerônimo. 1987. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Carlile Lanzieri Junior ; Flávio Ferreira Paes Filho ; MOTA, Douglas ; CRUZ, M. S. . III Encontro Nacional do VIVARIUM/III Encontro Internacional de História Antiga e Medieval da Amazônia. 2018. (Congresso).

2.
CRUZ, M. S.; RODRIGUES, Cândido Moreira ; REIS, A. R. ; Leandro Rust ; VIEIRA, T. L. . IV WAB Workshop Argentino?Brasileiro de História Comparada. 2018. (Congresso).

3.
CRUZ, M. S.. I simposio Internacional de Jóvenes medievalistas. 2013. (Congresso).

4.
CRUZ, M. S.; BOVO, C. R. ; Leandro Rust . IX Encontro Internacional de Estudos Medieval - O Ofício do medievalista. 2011. (Congresso).

5.
CRUZ, M. S.. I Encontro Regional da ABREM Centro Oeste. 2010. (Congresso).

6.
CRUZ, M. S.. VI Encontro Regional da ANPUH MT. 2010. (Congresso).

7.
CRUZ, M. S.; Flávio Ferreira Paes Filho ; Leandro Rust ; BOVO, C. R. . Idade Média no Cinema. 2010. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Itajara Joaquim Rodrigues. O imaginário e o maravilhoso na Historia gentis Anglorum de Venerável Beda. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Kelly Cristina da Costa Bezerra de Menezes Mamedes. As relações de poder na corte do imperador Justiniano. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

3.
Daniel Sleder. A construção da identidade cristão na História Eclesiástica de Eusébio de Cesaréia. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
DÉBORA CRISTINA DOS SANTOS FERREIRA. REDES CLIENTELARES NA VILA REAL DO SENHOR BOM JESUS DE CUIABÁ (1748-1764). Início: 2016. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Gabriella Lima de Assis. História e Literatura na obra de Sérgio Buarque de Holanda. Início: 2013. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. (Orientador).

3.
Silvanio de Paulo Barcelos. Terra e memória no Quilombo de Mata Cavalos. Início: 2012. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso. (Coorientador).

Iniciação científica
1.
FABIANA SILVA AZEVEDO. A cultura romana tradicional nas epístolas de Símaco. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. (Orientador).

2.
Ana Paulo Surubi. A cultura romana-cristão nas epístolas de Jerônimo. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

3.
WAGNER JULIO DE CAMPOS. O conflito entre o cristianismo e a cultura romana nas Cartas de Jerônimo. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Débora Cristina dos Santos Fereira. Servindo ao Santo Ofício entre a norma e o poder: os agentes inquisitoriais (1580-1640). 2014. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

2.
Sílvia Sgroi Brandão. Em busca de um conceito de indivíduo: análise historiográfica das escritas de Lucien Febvre e Carlo Ginzburg. 2013. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

3.
Eduardo Silva Leite. O casamento nas epístolas de São Jerônimo. 2013. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, . Orientador: Marcus Silva da Cruz.

4.
Joabson Xavier Pena. As duas faces de Jerusalém em Flávio Josefo. 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

5.
Gabriella Lima de Assis. A ESTRUTURA DA NARRATIVA EM VISÃO DO PARAÍSO DE SÉRGIO BUARQUE DE HOLANDA. 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

6.
Débora Cristina dos Santos Ferreira. Os agentes da fé nos Regimentos da Inquisição Poetuguesa. 2012. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

7.
Silvânio Paulo de Barcelos. Quilombo Mata Cavalo: terra, conflito e os caminhos da identidade negra. 2011. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Itajara Rodrigues Joaquim. Como o reino da Nortúmbria recebeu a palavra de Deus: a importância monárquica no processo de cristianização da Grã-Bretanha na Historia Ecclesiastica Gentis Anglorum. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

2.
Kelly Cristina da Costa Bezerra de Menezes Mamedes. Teodora: a face do poder feminino na Corte de Justiniano. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

3.
Bruna Amorim Müller. A figura do bispo na obra de Gregório Magno. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

4.
Roberta Aparecida Farias Pereira. A representação da infância na Antiguidade Tardia a partir das Confissões de Agostinho. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

5.
Viviane Gomes Gonçalves. O futebol e identidade nacional: uma reflexão sobre os estudos de Richard Guilianotti em sua obra "Sociologia do futebol - dimensões históricas e socioculturais do esporte das multidões". 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

6.
Eliane do Prado Silva. A formação do sindicato intermunicipal dos trabalhadores de Cuiabá e região. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

7.
Saulo Correia Gomes. A mão de Deus. Um estudo acerca do Providencialismo no Historiae adversus paganus de Paulo Orósio. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

8.
Eduardo Leite da Silva. O casamento nas epístolas de São Jerônimo. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

9.
Sílvia Sgroi Brandão. O conceito de indivíduo em Lucien Febvre e Carlo Ginzburg. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

10.
Janayna Grayce da Silva. A História Indigena representada nos Livros Didáticos. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

11.
Joabsob Xavier Penna. O Umbigo do mundo: as representações da cidade de Jerusalém na Antigüidade Clássica. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

12.
Joelder Pompeo de Cerqueira. Discursos sobre a pirataria digital. Uma análise das propagandas contra a pirataria. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

13.
Gislaine Mara Amador. A mulher e o corpo feminino: representações, influências e condutas na Antiguidade Tardia. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

14.
Sílvia Sgroi Brandão. O problema do indivíduo em Lucien Febvre e Carlo Ginburg. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

15.
Débora Cristina dos Santos Ferreira. Magia e Feitiçaria na Província de Mato Grosso no século XVIII. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

16.
Daril Motta. O Ensino da História na Educação de Jovens e Adultos. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

17.
Jorge Luiz Alves de Paulo. Giordano Bruno, Galileu e Copérnico: razão x dogmas. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Centro Universitário Augusto Motta. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

18.
Maristela Morais Ferreira. A repressão feminina na Grécia Clássica. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Centro Universitário Augusto Motta. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

19.
Roberta de Souza Faustino. O século XII e a condição feminina: Heloísa e o representação do saber feminino. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Centro Universitário Augusto Motta. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

20.
Bruno Gonçalves Álvaro. O cotidiano cavaleiresco entre os séculos XII e XIII: a morte e a salvação na concepção da militia.. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em História) - Faculdades Integradas Simonsen. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

Iniciação científica
1.
Daniel Sleder. Memória, verdade e narrativa. Os fundamentos teóricos e metodológicos do discurso histórico na antiguidade tardia. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

2.
Douglas Henrique Ribeiro de Morais. Memória, verdade e narrativa. Os fundamentos teóricos e metodológicos do discurso histórico na antiguidade tardia.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

3.
Itajara Rodrigues Joaquim. Memória, verdade e narrativa. Os fundamentos teóricos e metodológicos do discurso histórico na antiguidade tardia.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

4.
Kelly Cristina da Costa Bezerra de Menezes Mamedes. Memória, verdade e narrativa. Os fundamentos teóricos e metodológicos do discurso histórico na antiguidade tardia.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

5.
Célia Jorge da Silva. Mídia, memória e ensino de História. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marcus Silva da Cruz.

6.
Marcos Roberto dos Reis. Paideia e Cristianismo: o problema da identidade nos discursos historiográficos do IV e V séculos. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Federal de Mato Grosso, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Marcus Silva da Cruz.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
CRUZ, M. S.2012CRUZ, M. S.. O Paraíso Perdido: apontamentos sobre a Teoria da História e os historiadores. Revista Gnarus, v. 1, p. 5-9, 2012.


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Carlile Lanzieri Junior ; Flávio Ferreira Paes Filho ; MOTA, Douglas ; CRUZ, M. S. . III Encontro Nacional do VIVARIUM/III Encontro Internacional de História Antiga e Medieval da Amazônia. 2018. (Congresso).

2.
CRUZ, M. S.; RODRIGUES, Cândido Moreira ; REIS, A. R. ; Leandro Rust ; VIEIRA, T. L. . IV WAB Workshop Argentino?Brasileiro de História Comparada. 2018. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/01/2019 às 17:36:19