Saulo Faria Almeida Barretto

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7269779363694163
  • Última atualização do currículo em 14/10/2018


Dr. Saulo Faria Almeida Barretto é Pesquisador Associado e co-Fundador do IPTI, onde é o responsável pela função de relacionamento institucional e novos negócios no IPTI. Formado em Engenharia Civil, pela Universidade Federal de Sergipe, obteve título de mestre e doutor em Estruturas, pela Universidade de São Paulo, com passagens pela Technische Universität Braunschweig (Alemanha) e Columbia University (Estados Unidos). Os temas de pesquisa e desenvolvimento com os quais o Dr. Saulo Barretto tem atuado recentemente referem-se à construção de tecnologias sociais com foco em educação básica e educação empreendedora, incluindo desafios em saúde pública que comprometam o desenvolvimento humano. Para isso, tanto o IPTI quanto o próprio pesquisador mudaram para Santa Luzia do Itanhy, um dos municípios mais pobres do Brasil, para junto com a comunidade construirem tecnologias sociais que resolvam problemas sociais locais e depois possam ser reaplicadas em outras comunidades do Brasil. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Saulo Faria Almeida Barretto
Nome em citações bibliográficas
BARRETTO, S. F. A.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação, IPTI.
Av. Principal 272
Povoado do Crasto
49230000 - Santa Luzia do Itanhy, SE - Brasil
Telefone: (79) 30276866
URL da Homepage: http://www.ipti.org.br


Formação acadêmica/titulação


1990 - 1995
Doutorado em Engenharia Civil (Engenharia de Estruturas).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Análise Elastodinâmica de Placas através do Método dos Elementos de Contorno, com Interação Solo-Estrutura, Ano de obtenção: 1995.
Orientador: Wilson Sérgio Venturini.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Método dos Elementos de Contorno; Placa; Interação Solo-Estrutura; Elastodinâmica.
Grande área: Engenharias
1987 - 1990
Mestrado em Engenharia Civil (Engenharia de Estruturas).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Aplicação do Método dos Elementos Finitos na Análise de Placas com Deformação por Cortante,Ano de Obtenção: 1990.
Orientador: João Baptista de Paiva.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Elementos Finitos; Placas; Reissner.
Grande área: Engenharias
1981 - 1986
Graduação em Engenharia Civil.
Universidade Federal de Sergipe, UFS, Brasil.


Pós-doutorado


1998 - 1999
Pós-Doutorado.
Columbia University, COLUMBIA, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Engenharias
1997 - 1998
Pós-Doutorado.
Technische Universität Braunschweig, TU-BS, Alemanha.
Bolsista do(a): Deutsch Akademische Austauschdienst, DAAD, Alemanha.
Grande área: Engenharias
1996 - 1996
Pós-Doutorado.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Engenharias


Atuação Profissional



Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação, IPTI, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - Atual
Vínculo: Pesquisador Associado, Enquadramento Funcional: Pesquisador associado, Carga horária: 32, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , IPTI, .


Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação, IPTI, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - Atual
Vínculo: Pesquisador Associado, Enquadramento Funcional: Pesquisador Associado, Carga horária: 8, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/2003 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação, .


Universidade de Mogi das Cruzes, UMC, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: Pesquisador bolsista, Carga horária: 30

Vínculo institucional

1997 - 2005
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Adjunto, Carga horária: 40

Atividades

1/1997 - 6/2005
Ensino, Resistência dos Materiais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Resistência dos Materiais


Linhas de pesquisa


1.
Web 2.0 e Processo Coletivos de Construção de Conhecimento
2.
Ambientes Virtuais de Aprendizagem
3.
Gestão do conhecimento em redes
4.
Tecnologia educacional


Projetos de pesquisa


2010 - 2012
Ampliação e fortalecimento da difusão de Tecnologias Sociais através de redes virtuais de conhecimento
Descrição: Produzir conhecimento científico e tecnológico voltados a potencializar o compartilhamento, a difusão e a construção coletiva de conhecimento, através do emprego de processos colaborativos, em redes virtuais, como estratégia de promoção de desenvolvimento social e econômico. O projeto baseia-se no emprego da plataforma de redes de conhecimento "guigoh?, desenvolvida pelo IPTI, que foi adotada pela Rede de Tecnologia Social (RTS) como ambiente computacional para apoio ao compartilhamento das experiências de desenvolvimento e re-aplicação de tecnologias sociais. Dentre vários aspectos, o projeto pretende investigar e propor modelos de gestão e de governança que se apliquem aos casos de redes virtuais de conhecimento..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2010
OPAALS - Open Philosophies for Associative Autopoietic digitaL ecosystemS
Descrição: Ecossistemas Digitais estão emergindo como uma nova abordagem de catalisação de desenvolvimento regional sustentável dirigido às pequenas e médias empresas. Este projeto tem como objetivos principais a construção de uma rede de pesquisa interdisciplinar, na área de Ecossistemas Digitais e desenvolver uma fundamentação teórica integrada sobre o tema, interligando três grandes áreas de domínio: Ciências Sociais, Ciência da Computação e Ciências Naturais. A proposta principal do OPAALS é atingir esta sustentabilidade em ecossistemas digitais a partir do entendimento dos processos de colaboração que ocorrem por meio da tecnologia de informação e conectividade, que sustentam as criação contínua, formalização e compartilhamento do conhecimento na forma de modelos de negócios, softwares, infra-estrutura para comércio eletrônico e novas linguagens formais e semi-formais. A estratégia está baseada no desenvolvimento de uma plataforma de conhecimento livre, o Open Knowledge Space (OKS), uma ferramenta que visa à construção de um ambiente que propicie esta sustentabilidade, recursividade e gere uma comunidade de pesquisa e inovação potencialmente inclusiva para todos participantes do ecossistema digital. A integração dos resultados de pesquisa será realizada por meio de geração automática de códigos, redes P-2-P autopoiéticas e comprometimento e identidade distribuídas baseadas em confiança, dentro da infra-estrutura existente do ecossistema digital. O papel do IPTI neste projeto é participar do desenvolvimento do OKS, do grupo relacionado à análise de redes sociais e do grupo que trabalha com visualização/percepção, colaborando em aspectos conceituais e técnicos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2008
Suporte Probabilístico para Avaliação em Ambientes Virtuais de Aprendizagem - SuPrA
Descrição: Avaliar a performance referente à aprendizagem dos alunos perante um determinado conteúdo é uma questão complexa seja qual for o cenário educacional, e quando se trata de educação mediada por computador este problema torna-se ainda mais delicado, uma vez que nestes casos o aluno tem um papel central no processo de aprendizagem. Este projeto tem como objetivo a pesquisa, desenvolvimento e implementação de um ferramental de suporte para avaliação on-line de usuários de uma plataforma de EaD, baseado em métodos probabilísticos de decisão e/ou classificação. Neste ferramental as avaliações diagnósticas e formativas serão contempladas, fornecendo ao avaliador informações e medidas que traduzam o estado de aprendizagem do aluno, utilizando para isso Redes Bayesianas e Modelos de Markov Ocultos, abordagens atuais e adequadas à formalização probabilístics e à modelagem deste tipo de problema. A pesquisa quanto às melhores métricas que representam o construto de aprendizagem e do desempenho dos métodos probabilísticos quanto a sensibilidade e performance computacional, levarão à implementação da ferramenta de suporte à avaliação em uma plataforma de ensino à distância já desenvolvida pela instituição proponente, o Teobaldo. O ferramental será também disponibilizado sob a forma de Software Livre, nos moldes da licença GPL, desenvolvido em linguagem Java e sua arquitetura modular permitira que seja utilizado em outras aplicações que necessitem deste suporte probabilístico..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2007
Europe Latin-America Boundary Element Network (ELBENet) - fase II
Descrição: O objetivo do projeto Elbenet é fortalecer e desenvolver sinergias entre instituições da Europa e América Latina na área do ensino e pesquisa sobre o Método dos Elementos de Contorno (MEC). O projeto prevê a oferta de cursos sobre o MEC em diversos níveis, a promoção de cooperação científica entre as instituições envolvidas, e a disseminação do MEC na comunidade de engenharia. O projeto prevê ainda o uso de tecnologias de informação e comunicação para proporcionar amplo acesso a cursos sobre o MEC..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2008
Ambientes virtuais de aprendizagem ? Construção de um modelo
Descrição: O objetivo da linha de pesquisa em Ambientes Virtuais de Aprendizagem é desenvolver um modelo de aprendizagem que explore as potencialidades educacionais proporcionadas pela Internet. Neste projeto o foco é a questão da interação usuário-informação, focada na melhoria da apreensão da informação e, conseqüentemente, da aprendizagem. Neste sentido, este projeto busca desenvolver um modelo pedagógico adaptado ao ciberespaço. Paralelamente à pesquisa pedagógica, o projeto prevê o desenvolvimento de diversas ferramentas computacionais (banco de dados, ambiente de comunicação, avaliação on-line, etc.) que estão diretamente relacionadas aos objetivos educacionais da pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2005
Europe Latin-America Boundary Element Network (ELBENet)
Descrição: Regra geral, quando alunos de engenharia cursam disciplinas relacionadas a métodos numéricos para análise estrutural a opção sempre recai sobre o Método dos Elementos Finitos, ou a Análise Matricial. A opção de ensinar o Método dos Elementos de Contorno é sempre desprezada, apesar deste método ser mais apropriado para diversos tipos de análise estrutural. Uma razão para explicar isto seria a maior complexidade matemática que o MEC requer, o que pode afugentar os alunos de engenharia. O objetivo deste projeto é discutir mecanismos que promovam a inserção de disciplinas sobre o Método dos Elementos de Contorno como alternativas numéricas nos cursos de engenharia. Uma questão a ser levantada no projeto é sobre a inserção da disciplina nos currículos de engenharia, levando em conta as particularidades de cada instituição participante. Outro importante objetivo do projeto é desenvolver um curso on-line que seja introdutório aos conceitos sobre a formulação do MEC, bem como disponibilizar programas computacionais de análise estrutural, que tenha sido desenvolvidos com base no MEC, tudo isso disponível via Internet. Participam deste projeto universidades dos seguintes Países: Brasil (USP e UMC), Argentina, Uruguai, Peru, Venezuela, Áustria, Alemanha, França, Portugal, Espanha, Inglaterra e Grécia..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Saulo Faria Almeida Barretto - Coordenador / Renata Piazzalunga - Integrante.Financiador(es): European Community Programa Alfa - Cooperação.
2001 - 2003
Análise Estrutural Virtual
Descrição: O objetivo deste trabalho foi desenvolver um ambiente computacional que fosse capaz de reunir pesquisas sobre análise estrutural, baseadas na aplicação do Método dos Elementos de Contorno, realizadas em diferentes centros. Este ambiente desenvolvido permite a sua utilização através da rede mundial da Internet. Ele foi desenvolvido em linguagem Java e também utilizando pacotes de desenvolvimento para ambiente Web (Flash, Director, etc.). Além da proposta de reunir as pesquisas de diversos pesquisadores, em diferentes centros internacionais, o projeto também gerou uma ferramenta que possa ser utilizada facilmente por qualquer pesquisador e aluno, gratuitamente, em qualquer parte do planeta..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Saulo Faria Almeida Barretto - Coordenador / Juliana Cavalcante de Andrade - Integrante / Roberto Moreno Leon Filho - Integrante / Viviane Guimarães Ribeiro - Integrante / Daniel Fernando Matsukuma - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2
2000 - 2002
Análise Dinâmica de Estruturas Reticuladas através da formulação das Equações Integrais de Contorno: Simulação Numérica e Visualização
Descrição: O objetivo principal deste projeto de cooperação era o de desenvolver novas soluções de uso da formulação das Equações Integrais de Contorno (EIC) na análise dinâmica de estruturas reticuladas. Um segundo objetivo era desenvolver um software educacional, com tecnologia Web, para auxílio aos alunos de engenharia na aprendizagem de análise estrutural. A solução numérica deste software deveria ser baseada nos resultados do projeto de cooperação, ou seja, deveria ser baseada na formulação das EIC..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Saulo Faria Almeida Barretto - Coordenador.Financiador(es): Deutsche Forschungsgemeinschaft - Cooperação / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 1
1997 - 1999
Acoplamento de vigas e placas com domínios ilimitados descritos pelos operadores de Helmholtz e Navier para modelagem da interação dinâmica solo-estrutura e fluido-estrutura
Descrição: Neste trabalho foram desenvolvidas e implementadas soluções computacionais, com base na formulação do Método dos Elementos de Contorno, para problemas de estruturas reticuladas planas (estática e dinâmica), acústica, elastostática, interação fludio-estrutura e solo-estrutura..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Saulo Faria Almeida Barretto - Coordenador / Alexander daSilva Almeida - Integrante / Evandro Eduardo Modesto - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2


Projetos de extensão


2005 - 2007
Cultura Digital
Descrição: Este projeto atua na área de inclusão digital a partir de uma metodologia que visa a apropriação tecnológica. Este conceito vai além da simples capacitação tecnológica porque gera autonomia através de um processo de conscientização da importância do trabalho em rede (colaborativo) e do compartilhamento, dois pilares fundamentais da Sociedade da Informação. O projeto Cultura Digital foi desenvolvido pelo IPTI ao longo do período de 2005 a 2007, como parte do Programa Cultura Viva, do Ministério da Cultura, e é baseada na disponibilização de estúdios multimídia em software livre, no acesso à banda larga, em conceitos como compartilhamento, generosidade intelectual e trabalho em rede, como meios de desenvolvimento local. O principal elemento do Cultura Digital é a motivação pela participação e protagonismo que ele desencadeia nos usuários. Além de compartilharem seus conteúdos, os usuários podem avaliar conteúdos publicados por outras pessoas, discutir e construir conteúdos colaborativamente, criar novas comunidades, e assim por diante. Do ponto de vista da metodologia empregada, o projeto Cultura Digital baseou-se na realização de oficinas e no desenvolvimento e manutenção dos sistemas de apoio à colaboração e trabalho em rede e na publicação da produção multimídia..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Projetos de desenvolvimento


2016 - Atual
SOMOS
Descrição: Reaplicação das tecnologias sociais TAG (gestão escolar) e Synapse (metodologia de alfabetização) em todas as escolas estaduais e municipais do Baixo São Francisco, norte de Sergipe. Atualmente (2018) o SOMOS beneficia 130 escolas públicas, 364 professores do ciclo de alfabetização e 7.037 alunos dos 3 primeiros anos do ensino fundamental. Afora isso o TAG contém uma base de dados de mais de 50 mil alunos..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (12) Graduação: (14) / Especialização: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Saulo Faria Almeida Barretto - Coordenador / Monique Boufleur Long - Integrante / Ruanceli Santos - Integrante.Financiador(es): Secretaria de Educação do Estado de Sergipe - Cooperação.
2012 - Atual
TAG - Tecnologia de Apoio à Gestão
Descrição: Desenvolvimento de uma tecnologia de apoio à gestão da educação e saúde para municípios, estruturada numa plataforma computacional de apoio ao armazenamento e gerenciamento de informações e à tomada de decisão. O TAG hoje está implementado em mais de 130 escolas, de 15 municípios, com mais de 50 mil alunos na sua base de dados, e é o único sistema de gestão escolar recomendado pelo MEC, na última versão do Guia de Tecnologias Educacionais do MEC.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Saulo Faria Almeida Barretto - Coordenador / Monique Boufleur Long - Integrante / Ruanceli Santos - Integrante.Financiador(es): Oi Futuro - Auxílio financeiro.
2011 - 2012
Arte com Ciência
Descrição: Gerar uma Tecnologia Social voltada ao aprimoramento do ensino e da aprendizagem de ciências exatas e naturais, com ênfase nos setores de Petróleo & Gás, Biocombustíveis e Petroquímica, através de uma abordagem que explora a relação entre arte, ciência e ecologia. A metodologia do projeto baseia-se em experiências prévias do IPTI em ações como Cultura Digital e a plataforma de redes de conhecimento Guigó, explorando ao máximo as novas tecnologias da informação e comunicação como meio de criatividade e de construção coletiva de conhecimento. O resultado anual das atividades do projeto poderão ser vistos nas feiras escolares de arte, ciência e ecologia, que coincidirão com a Semana Nacional de Ciência Tecnologia..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (4) .
Integrantes: Saulo Faria Almeida Barretto - Coordenador / Renata Piazzalunga - Integrante / Edilson Santos Nascimento - Integrante / Ronaldo Nunes Linhares - Integrante / Zélia Macedo - Integrante / Maria Helena Zucon - Integrante.Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro.
2010 - 2013
Tecnologia Social Hb
Descrição: Desenvolvimento de uma tecnologia social para diagnóstico, redução e controle da anemia ferropriva nas escolas. O Hb reduz em mais de 80% os casos de prevalência da anemia ferropriva, foi vencedor do Prêmio Fundação Banco do Brasil de Tecnologias Sociais (2013) e já foi reaplicado em escolas de 2 municípios: Boquim (SE) e Borba (AM).
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.


Revisor de projeto de fomento


2011 - 2015
Agência de fomento: European Commission


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Economia dos Recursos Humanos/Especialidade: Capital Humano.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Comunidades virtuais de conhecimento.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Educação e Tecnologias da Informação e Comunicação.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Ensino-Aprendizagem/Especialidade: Tecnologia Educacional.
5.
Grande área: Outros / Área: Divulgação Científica.


Idiomas


Alemão
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Italiano
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende RazoavelmenteLê Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2013
1o colocado no Prêmio de Tecnologia Social, com a tecnologia Hb, Fundação Banco do Brasil.
2013
Prêmio FINEP de Inovação - melhor ICT do Nordeste, FINEP.
2004
Huésped Distinguido de la Universidad Nacional de Trujillo, Universidad Nacional de Trujillo.
2004
PAPED - Programa de Apoio à Pesquisa em Educação à Distância, CAPES/MEC.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
BARRETTO, S. F. A.2003 BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; RIBEIRO, Viviane Guimarães ; LEON FILHO, R. M. ; DALLA, M. B. C. . Combining interactivity and improved layout while creating educational software for the Web. Computers & Education, v. 3, n.40, p. 271-284, 2003.

2.
BARRETTO, S. F. A.2003BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; RIBEIRO, Viviane Guimarães . A Web-based 2D Structural Analysis Educational Software. Computer Applications in Engineering Education, v. 11, n.2, p. 83-92, 2003.

3.
MESQUITA NETO, E.2000MESQUITA NETO, E. ; BARRETTO, S. F. A. ; PAVANELLO, R. . Dynamic Behavior of FrameStructures by Boundary Integral Procedures. Engineering Analysis with Boundary Elements, v. 24, p. 399-406, 2000.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
Colugnati, F.A.B. ; CARRARI, L. ; BARRETTO, S. F. A. . Digital Eco-Systems. 1. ed. Springer, 2010. v. 1. 305p .

Capítulos de livros publicados
1.
BARRETTO, S. F. A.; CARRARI, L. ; SIQUEIRA, Paulo Renato Campos de . Redes Virtuais de Conhecimento para o Compartilhamento de Tecnologias Sociais. In: Rede de Tecnologia Social. (Org.). Tecnologias Sociais - caminhos para a sustentabilidade. 1ed.Brasília: Gráfica Brasil, 2009, v. 1, p. 203-210.

2.
BARRETTO, S. F. A.; CARRARI, L. ; SIQUEIRA, Paulo Renato Campos de . Redes Virtuais de Conhecimento para o Compartilhamento de Tecnologias Sociais. In: ABONG. (Org.). Tecnologias Sociais: Caminhos para a sustentabilidade. 1ed.Brasília: RTS, 2009, v. 1, p. 203-208.

3.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; Dalton Martins ; Cláudio Prado ; Célio Turino . Digital Culture and Sharing: Theory and Practice of a Brazilian Cultural Public Policy. In: Wai K. Law. (Org.). Information Resources Management: Information Resources Management: Global Challenges. 1ed.Hershey: Idea Group Publishing, 2007, v. 1, p. 146-161.

4.
PIAZZALUNGA, Renata ; BARRETTO, S. F. A. . Challenges in Virtual Environment Design: an architectural approach to virtual spaces. In: Leo Tan Wee Hin; R. Subramaniam. (Org.). E-Learning and Virtual Science Centers. Hershey: Idea Group Inc., 2005, v. 1, p. 243-262.

5.
BARRETTO, S. F. A.; VENTURINI, W. S. ; CODA, H. B. . Plate-Soil Elastodynamic Coupling usinf BEM Analysis. In: Brebbia, C.A. at al.. (Org.). Boundary Elements XVIII. Southampton: Computacional Mechanics, 1996, v. , p. 363-372.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BARRETTO, S. F. A.; CARRARI, L. ; SIQUEIRA, Paulo Renato Campos de ; BARROS, L. . Social Technologies Network: a Brazilian use case of Open Knowledge Space (OKS) adoption for socio-economic development. In: eChallenges e-2009 Conference, 2009, Istambul. eChallenges e-2009 Conference, 2009. v. 1.

2.
Colugnati, F.A.B. ; BARRETTO, S. F. A. . Social Network Analysis of Conversê : Exploring a dynamic forum. In: 1st OPAALS Conferenece, 2007, Roma. Proceedings from the 1st OPAALS Conference, 2007.

3.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; Colugnati, F.A.B. . Measuring e-Learning Effectiveness in Hybrid Courses: a case report. In: 15° European Distance Education Network (EDEN) Annual Conference, 2007, Napoli. 15° EDEN Annual Conference, 2007.

4.
Colugnati, F.A.B. ; Almeida, R.M. ; Oliveira, H.J.Q. ; BARRETTO, S. F. A. . Improving Keystroke Dynamics User Authentication Identifying Discriminating Feature. In: XXIII International Biometrics Conference, 2006, Montreal. XXIII International Biometrics Conference.

5.
Almeida, R.M. ; Oliveira, H.J.Q. ; Colugnati, F.A.B. ; BARRETTO, S. F. A. . User Authentication In E-Learning Environments Using Keystroke Dynamic Analysis. In: 22a ICE World Conference on Distance Education, 2006, Rio de Janeiro. 22a ICE World Conference on Distance Education.

6.
Colugnati, F.A.B. ; BARRETTO, S. F. A. . Surveying relationship between participation and test grades in learning management systems: a proposal for on-line student assessment method. In: 22a ICE World Conference on Distance Education, 2006, Rio de Janeiro. 22a ICE World Conference on Distance Education.

7.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; LOPES, Nicholas Calderaro ; TAKAHASHI, Juliana Terumi . Using virtual environments as a strategy to improve the efficiency of the learning process. In: 7th UICEE Annual Conference on Engineering Education, 2004, Mumbai. 7th UICEE Annual Conference on Engineering Education, 2004. v. 1. p. 89-92.

8.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata . Cyber Learning: A possibility of developing a multicultural and independent learning environment. In: 21st ICDE World Conference on Open Learning and Distance Education, 2004, Hong Kong. 21st ICDE World Conference on Open Learning and Distance Education, 2004. v. 1. p. 1-1.

9.
BARRETTO, S. F. A.; RIBEIRO, Viviane Guimarães ; PIAZZALUNGA, Renata . Modelo de ferramenta de autoria para um Ambiente Virtual de Aprendizagem. In: 11º Congresso Internacional de Educação a Distância, 2004, Salvador. 11º Congresso Internacional de Educação a Distância, 2004. v. 1. p. 1-9.

10.
RIBEIRO, Viviane Guimarães ; BARRETTO, S. F. A. ; PIAZZALUNGA, Renata . Editor gráfico para auxílio aos professores da área médica na elaboração de conteúdos On-Line. In: III Congresso Latino Americano de Engenharia Biomédica, 2004, João Pessoa. III Congresso Latino Americano de Engenharia Biomédica, 2004. v. 1. p. 263-266.

11.
BARRETTO, S. F. A.; VARELLA, Marília Castro Lima ; TAKAHASHI, Juliana Terumi ; KANETO, Alberto Yorimasa . Uma proposta de ambiente virtual para auxiliar na aprendizagem de eletrocardiografia básica. In: III Congresso Latino Americano de Engenharia Biomédica, 2004, João Pessoa. III Congresso Latino Americano de Engenharia Biomédica, 2004. v. 1. p. 259-262.

12.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; RIBEIRO, Viviane Guimarães ; SIQUEIRA, Paulo Renato Campos de ; APPARÍCIO, Cláudio Escobar ; WROBEL, Luiz Carlos . ViStA - UM SITE DEDICADO AO MÉTODO DOS ELEMENTOS DE CONTORNO. In: XXIV Iberian Latin-American Congress on Computacional Method in Engineering, 2003, Ouro Preto, MG. XXIV Iberian Latin-American Congress on Computacional Method in Engineering, 2003. v. 1. p. 1-1.

13.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; LEON FILHO, R. M. ; RIBEIRO, Viviane Guimarães ; DALLA, M. B. C. . Web-based educational software for static and dynamic structural analysis. In: 5th UICEE Annual Conference on Engineering Education, 2002, Chennai. 5th UICEE Annual Conference on Engineering Education. Melbourne - Austrália: UNESCO International Centre for Engineering Education (UICEE), 2002. v. 1. p. 189-193.

14.
PIAZZALUNGA, Renata ; BARRETTO, S. F. A. ; SUCCI JUNIOR, O. . Learning engineering in cyberspace: a pedagogical model with an international perspective. In: 5th UICEE Annual Conference on Engineering Education, 2002, Chennai. 5th UICEE Annual Conference on Engineering Education - Student-centred Engineering Education. Melbourne - Austrália: UNESCO International Centre for Engineering Education (UICEE), 2002. v. 1. p. 75-78.

15.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; LOPES, Nicholas Calderaro ; XIMENES, M. A. . Aprendizagem de engenharia no ciberespaço: um modelo de ambiente virtual de aprendizagem. In: XXX Congresso Brasileiro de Ensino em Engenharia, 2002, Piracicaba. XXX Congresso Brasileiro de Ensino em Engenharia, 2002. v. 1. p. 1-4.

16.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata ; LEON FILHO, R. M. ; DALLA, M. B. C. . Learning 2D Structural Analysis supported by a Computational System based on Web. In: International Conference on Engineering and Computing Education, 2000, Sao Paulo, 2000.

17.
BARRETTO, S. F. A.; MESQUITA NETO, E. ; ANTES, H. . A BE Based Formulation for the Two-Dimensional Fluid-Structure Interaction Analysis. In: XX CILAMCE - Iberian Latin-American Congress on Computational Methods in Engineering, 1999, Aguas de Lindoia, 1999.

18.
BARRETTO, S. F. A.; MESQUITA NETO, E. ; ANTES, H. . A 2D Fluid-Structure Coupling, using the Boundary Element Formulation. In: International Conference on Engineering Science (ICES98), 1998, Atlanta. Modeling and Simulation based Engineering. Palmdale, CA, USA: Tech Science Press, 1998. v. I. p. 148-153.

19.
BARRETTO, S. F. A.; MESQUITA NETO, E. . Modelagem Estática de Estruturas Reticuladas por meio do Metodo dos Elementos de Contorno. In: XXVIII Jornadas Sul-Americanas de Engenharia Estrutural, 1997, Sao Carlos. XXVIII Jornadas Sul-Americanas de Engenharia Estrutural, 1997. v. 3. p. 1283-1290.

20.
BARRETTO, S. F. A.; VENTURINI, W. S. ; CODA, H. . Plate Bending Elastodynamic Analysis by BEM using Mass Matrix Approach. In: Ibero-Latin American Association of Computacional Methods in Engineering, 1996, Padova, 1996.

21.
BARRETTO, S. F. A.; MESQUITA NETO, E. . Static and Dynamic Simulation of Thin Tubes by Beams Association Modelled by BEM. In: MECOM'96, 1996, Tucuman, 1996.

22.
BARRETTO, S. F. A.; MESQUITA NETO, E. . Frequency Response Functions of Continuous Beams by Boundary Integra lMethods. In: I Seminário Brasileiro sobre Método dos Elementos de Contorno em Engenharia, 1996, Rio de Janeiro, 1996.

23.
BARRETTO, S. F. A.; PAIVA, J. B. . Comparação dos Resultados da análise da Teoria de Reissner para Placas,variando a relação espessura/comprimento,através do MEF e do MEC. In: XXVI Jornadas Sul-Americanas de Engenharia Estrutural, 1993, Montevideu, 1993.

Apresentações de Trabalho
1.
BARRETTO, S. F. A.. Tecnologias Sociais: inovação tecnológica para gerar soluções eficazes e escaláveis para problemas sociais. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
BARRETTO, S. F. A.. Innovation in Private Social Investments: Making Philanthropy More Effective. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
BARRETTO, S. F. A.. Construção de uma plataforma de cooperação científica entre a SECIS/MCT e a Comissão Européia, na área de Tecnologias Sociais. 2010.

Programas de computador sem registro
1.
BARRETTO, S. F. A.; RIBEIRO, Viviane Guimarães ; SIQUEIRA, Paulo Renato Campos de ; APPARÍCIO, Cláudio Escobar . Análise Estrutural Virtual (ViStA). 2003.

2.
BARRETTO, S. F. A.; TAKAHASHI, Juliana Terumi . Archeïon. 2002.

3.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata . Frame of Mind - 2D Structural Analysis. 2000.

Trabalhos técnicos


Patentes e registros



Programa de computador
1.
BARRETTO, S. F. A.; PIAZZALUNGA, Renata . Frame of Mind - 2D Structural Analysis. 2000.
Patente: Programa de Computador. Número do registro: 00035604, data de registro: 22/12/2000, título: "Frame of Mind - 2D Structural Analysis" .

2.
BARRETTO, S. F. A.; TAKAHASHI, Juliana Terumi . Archeïon. 2002.
Patente: Programa de Computador. Número do registro: 00042384, data de registro: 16/01/2002, título: "Archeïon" .

3.
BARRETTO, S. F. A.; RIBEIRO, Viviane Guimarães ; SIQUEIRA, Paulo Renato Campos de ; APPARÍCIO, Cláudio Escobar . Análise Estrutural Virtual (ViStA). 2003.
Patente: Programa de Computador. Número do registro: 00051845, data de registro: 29/05/2003, título: "Análise Estrutural Virtual (ViStA)" .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BARRETTO, S. F. A.; LINDENBERG NETO, Henrique; ALMEIDA, Pedro Afonso Oliveira. Participação em banca de Lauro França Filho. Modelos didáticos para o ensino de Resistência dos Materiais. 2004. Dissertação (Mestrado em Engenharia Civil) - Universidade de São Paulo.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
21st ICDE World Conference. 21st ICDE World Conference on Open Learning & Distance Education. 2004. (Congresso).

2.
7th UICEE Annual Conference on Engineering Education. 7th UICEE Annual Conference on Engineering Education. 2004. (Congresso).

3.
5th UICEE Annual Conferência on Engineering Education. 5th UICEE Annual Conferência on Engineering Education. 2002. (Congresso).

4.
International Conference on Engineering Science. International Conference on Engineering Science. 1998. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Colugnati, F.A.B. ; CARRARI, L. ; BARRETTO, S. F. A. . 3a Conferência OPAALS (Open Philosophies for Associative Autopoietic Digital Ecosystem). 2010. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Viviane Guimarães Ribeiro. Desenvolvimento de um editor gráfico, para auxílio aos professores da área médica na elaboração de conteúdos para um ambiente virtual de aprendizagem. 2005. 110 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Biomédica) - Universidade de Mogi das Cruzes, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

2.
Armando Luís Pires. Software didático para simulação da atividade elétrica cardíaca. 2005. 100 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Biomédica) - Universidade de Mogi das Cruzes, . Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

3.
Marília de castro Lima Varella. Ambiente virtual de aprendizagem de eletrocardiografia básica para estudantes de medicina. 2003. 66 f. Dissertação (Mestrado em Medicina) - Universidade de Mogi das Cruzes, . Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

Iniciação científica
1.
Nicholas Calderaro Lopes. Um estudo formal Sobre a formulação das Equações Integrais de Contorno e sobre as Soluções Fundamentais empregadas na Análise Estática e Dinâmica de Barras e Vigas. 2004. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecatrônica) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

2.
Nicholas Calderaro Lopes. Construção de ambiente virtual de aprendizagem sobre Estática, para alunos de engenharia. 2003. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecatrônica) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

3.
Rômulo dos Santos Moreno. Um Sistema Interativo de Postagem de Mensagens, desenvolvido para um Ambiente de Aprendizagem à Distância. 2003. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

4.
Daniel Fernando Matsukuma. Interfaces Gráficas, em Ambientes Web, para programa de Análise Acústica. 2002. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

5.
Flávio Gaieta Holzchuh. Implementação de um ambiente virtual de aprendizado à distância para alunos da área médica com enfoque em eletrocardiograma.. 2002. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Medicina) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

6.
Juliana Terumi Takahashi. Um Ambiente Computacional Para O Auxílio À Aprendizagem De Eletrocardiograma. 2002. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

7.
Tiago Rodrigues da Cruz. Sistema avançado de avaliação on-line, desenvolvido para ambiente de aprendizagem a distância.. 2002. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

8.
Viviane Guimarães Ribeiro. Virtual Structural Analysis. 2001. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

9.
Roberto Moreno Leon Filho. Implementação de Sistema de Análise Estrutural, Desenvolvido em Linguagem JAVA, em Ambiente Web. 2000. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

10.
Juliana Cavalcante de Andrade. Pré e Pós-Processamento Gráfico, em Linguagem JAVA, para Programa de Análise da Interação Bidimensional Fluido-Estrutura e Solo-Estrutura. 2000. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

11.
Érica Loureiro Gonçalves. Modelagem e implementação de apoios elásticos em sistema de análise estrutural, baseado no Método dos Elementos de Contorno. 2000. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Civil) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

12.
Evandro Eduardo Modesto. Pré-processamento e Pós-processamento gráfico,em linguagem JAVA, para programa de análise estática e dinâmica de estruturas reticuladas. 1999. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

13.
Alexander daSilva Almeida. Pré-processamento gráfico,em ambiente WINDOWS, para programa de análise estática e dinâmica de estruturas reticuladas. 1997. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência da Computação) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

Orientações de outra natureza
1.
Fábio Konno Serra. Ambientes Virtuais de Aprendizagem - construção de um modelo. 2004. 0 f. Orientação de outra natureza - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

2.
Glauce Almeida Meneses. Ambientes Virtuais de Aprendizagem - construção de um modelo. 2004. 0 f. Orientação de outra natureza - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

3.
Alexandre Galinskas. Ambientes Virtuais de Aprendizagem - construção de um modelo. 2003. 0 f. Orientação de outra natureza - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

4.
Paulo Renato Campos de Siqueira. Ambientes Virtuais de Aprendizagem - construção de um modelo. 2003. 0 f. Orientação de outra natureza - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.

5.
Alberto Yorimasa Kaneto. Ambientes Virtuais de Aprendizagem - construção de um modelo. 2003. 0 f. Orientação de outra natureza - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Saulo Faria Almeida Barretto.



Inovação



Projeto de desenvolvimento tecnológico


Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
BARRETTO, S. F. A.. Tecnologias Sociais: inovação tecnológica para gerar soluções eficazes e escaláveis para problemas sociais. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
BARRETTO, S. F. A.. Innovation in Private Social Investments: Making Philanthropy More Effective. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).



Outras informações relevantes


O IPTI é uma organização de arte, ciência e tecnologia, sem fins lucrativos, que ajudei a fundar em 2003, em São Paulo, e que em 2009 se muda para o município de Santa Luzia do Itanhy, sul de Sergipe e um dos mais pobres do Brasil (IDH 5.268) justamente porque acredito que é exatamente neste contexto, com adequada comunicação com a comunidade, é possível construir tecnologias sociais eficazes para problemas sociais locais e que depois possam ser reaplicadas em outras regiões que enfrentem problemas similares.
Atualmente já desenvolvemos 7 tecnologias sociais, todas elas em fase de reaplicação, tendo beneficiado 32 municípios de 5 estados brasileiros, e estamos desenvolvendo 11 novas tecnologias sociais, que de maneira sistêmica buscam promover desenvolvimento humano em regiões de alta vulnerabilidade.
No IPTI não priorizamos publicações científicas porque nossa missão é desenvolvimento e disseminar tecnologias sociais e colocamos todos os nossos recursos humanos e financeiros nesta causa. As eventuais publicações científicas ocorrem através dos parceiros acadêmicos com os quais trabalhamos.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/12/2018 às 10:27:06