Lucia Merces de Avelar

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1B - CA CS - Antrop., Arqueol., C. Política, Direito, Rel. Internacionais e Sociologia

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6612732360858250
  • Última atualização do currículo em 05/08/2015


Possui graduação em Sociologia e Política pela Universidade Federal de Minas Gerais (1966), mestrado em Ciência Política pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1981) e doutorado em Ciência Política pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1985). Entre 1990 e 1991, com financiamento CNPq/Fulbright, realizou estágio de pós-doutorado no Dept. of Political Science, Yale University, Estados Unidos. Coordenou inúmeras pesquisas, entre elas, a do governo do estado de São Paulo, entre 1970 e 1971, em 27 municípios da região do Vale do Paraiba, levantando dados para o Consórcio de Desenvolvimento Regional - CODIVAP. Trabalhou como coordenadora de pesquisa junto ao Centro Brasileiro de Análise e Pesquisa (CEBRAP) entre os anos de 1973 e 1976, na Pesquisa Nacional de Reprodução Humana em São José dos Campos, SP. Integrou a equipe coordenada pelo Instituto de Desenvolvimento de Estudos Políticos e Sociais (IDESP), no período pré-eleitoral de 1982, na pesquisa sobre eleições que abrangeu as capitais brasileiras e dois municípios do interior. Foi professora Assistente doutor na Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) entre 1985 e 1997. De 1997 a 2012, Professora Titular no Instituto de Ciência Política da Universidade de Brasília, onde foi também ocupou o cargo de Diretora.Entre 2007 e 2008, foi bolsista Fernand Braudel no European University Institute, Itália. Desde 1986, Bolsista em Produtividade de Pesquisa do CNPq. Entre 2008 e 2011, membro do Comitê Acadêmico de Ciência Política do CNPq. Temas de trabalho: democracia, participação política, gênero e política. Em 2011, ocupou a Cátedra Brasil (Brazil Chair), um consórcio acadêmico que reúne cinco prestigiosas universidades canadenses com o apoio financeiro da International Development Research Council (Canadá) e da Embaixada do Brasil em Ottawa. Desde dezembro de 2011 é membro de grupo de pesquisa do Centro de Estudos de Opinião Pública - CESOP - Universidade Estadual de Campinas. A partir de 2012, é Pesquisadora Principal do projeto temático "50 anos de feminismo: Brasil, Argentina e Chile" no Departamento de Sociologia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Lucia Merces de Avelar
Nome em citações bibliográficas
AVELAR, L. M.


Formação acadêmica/titulação


1982 - 1985
Doutorado.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Título: "O VOTO FEMININO NO BRASIL", Ano de obtenção: 1985.
Orientador: BOLIVAR LAMOUNIER.
Palavras-chave: Mulher; Voto; Voto Feminino.
Grande área: Ciências Humanas
1976 - 1981
Mestrado.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Título: "O VOTO E O VOTO OPERARIO EM UM MUNICIPIO URBANO - INDUSTRIAL",Ano de Obtenção: 1981.
Orientador: BOLIVAR LAMOUNIER.
Palavras-chave: Industrializacao/Urb/Voto; Voto; Voto Operario.
Grande área: Ciências Humanas
1986 - 1986
Especialização em Metodologia de Pesquisa.
University of Michigan, UMICH, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Fundação FORD, FORD, Estados Unidos.
2007 - 2008
Aperfeiçoamento em Bolsista Fernand Braudel. (Carga Horária: 40h).
European University Institute, EUI, Itália.
Título: Visões de Democracia. Ano de finalização: 2008.
Orientador: Alessandro Pizzorno.
Bolsista do(a): European University Institute, EUI, Itália.
1990 - 1991
Aperfeiçoamento em Pós-doutorado. (Carga Horária: 40h).
Yale University, YALE, Estados Unidos.
Título: Os partidos e as eleições na transição brasileira. Ano de finalização: 1991.
Orientador: Juán Linz.
Bolsista do(a): Fulbrigt, FULBRIGT, Estados Unidos.
1963 - 1966
Graduação.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.


Pós-doutorado


2007 - 2008
Pós-Doutorado.
European University Institute, EUI, Itália.
Bolsista do(a): European University Institute, EUI, Itália.
1990 - 1991
Pós-Doutorado.
Yale University, YALE, Estados Unidos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora principal, Carga horária: 40
Outras informações
Atividade de pesquisa junto ao grupo "50 anos de feminismo: Brasil, Argentina e Chile", cujas líderes são Eva Alterman Blay e Lucia Merces de Avelar. O projeto coletivo possui três focos: 1) o impacto dos feminismos nas políticas públicas, àquelas voltadas para as mulheres; 2) o impacto dos feminismos na legislação voltada à ampliação dos direitos políticos das mulheres; 3) em cada país pesquisado, traçar a trajetória de como as mulheres se construíram como atores políticos democráticos. BV-CDI FAPESP: http://www.bv.fapesp.br/pt/auxilios/85399/50-anos-de-feminismo-1965-2015-novos-paradigmas-desafios-futuros/

Atividades

01/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Sociologia.


Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: PESQUISADOR ASSOCIADO, Enquadramento Funcional: PESQUISADOR ASSOCIADO, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
MEMBRO DO CENTRO DE PESQUISA DE OPINIÃO PÚBLICA CESOP


Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

1985 - 1997
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Assistente Doutor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Após 1997, Professora Titular/UnB.

Atividades

10/1986 - 11/1988
Direção e administração, .

Cargo ou função
CHEFIA DO DEPTO. C. SOCIAIS APL. A EDUCACAO.

Universidade de Brasília, UNB, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 2009
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
De 2002 a 2007: Diretora do Instituto de Ciencia Política da Universidade de Brasília

Atividades

2000 - Atual
Estágios , Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Departamento de Ciência Política.

Estágio realizado
Desenvolvimento Político Municipal/Berlin/Alemanha.
1999 - Atual
Ensino,

Disciplinas ministradas
Participação Política, Desenvolvimento Político e Cidadania
Formação do Poder Político no Brasil
1998 - Atual
Ensino, Ciência Política, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminários Aprofundados sobre Particpação Política e Desenvolvimento Político.
Formação do Poder Político no Brasil
1998 - Atual
Serviços técnicos especializados , Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Departamento de Ciência Política.

Serviço realizado
Parecerista de orgãos de fomento de pesquisa: CAPES/CNPq, FAPESP, FAEP/Unicamp..
1998 - Atual
Extensão universitária , Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Departamento de Ciência Política.

Atividade de extensão realizada
Cursos de curta duração para o Centro Cultural de Brasília (Jesuítas) sobre Participação Política e Cidadania.
1998 - Atual
Treinamentos ministrados , Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Departamento de Ciência Política.

Treinamentos ministrados
Tutora do Programa Especial de Treinamento PET/CAPES/Ciência Política
1998 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Faculdade de Estudos Sociais Aplicados.

Atividade realizada
Cursos de Curta Duração sobre Análise Política: Política Tradicional, Participação e Mudança Política no Brasil.
1997 - Atual
Extensão universitária , Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Departamento de Ciência Política.

Atividade de extensão realizada
Cursos de Análise Política: Programa de Educação Continuada/Fundação Getúlio Vargas de São Paulo.
1996 - Atual
Extensão universitária .

Atividade de extensão realizada
Cursos de Formação Política para Mulheres/Fundação Konrad-Adenauer/São Paulo.
03/1999 - 03/2001
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Estudos Sociais Aplicados, Departamento de Ciência Política.


Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, CEBRAP, Brasil.
Atividades

06/1974 - 08/1977
Pesquisa e desenvolvimento .


Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Vínculo institucional

1982 - 1985
Vínculo: doutoranda, Enquadramento Funcional: doutoranda
Outras informações
O projeto foi apresentado ã ANPOCS em fevereiro de 1982 para financiamento da pesquisa para a tese de doutorado.

Vínculo institucional

1976 - 1981
Vínculo: mestranda, Enquadramento Funcional: mestranda, Carga horária: 40


Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais, ANPOCS, Brasil.
Atividades

00/1980 - 1982
Pesquisa e desenvolvimento .



Linhas de pesquisa


1.
Instituições, Participação, Representação e Sociedade Civil
2.
PESQUISA NACIONAL DE REPRODUCAO HUMANA
3.
CIO DE UNIVERSIDADE REUNIDAS NA ANPOCS PARA O ESTUDO DAS ELEICOES DE 1982-FINANCIAMENTO INEP E FUNDACAO FORD
4.
Estudos de gênero
5.
Participação, representação e democracia


Projetos de pesquisa


2012 - Atual
As mulheres, os partidos e o recrutamento de candidaturas
Descrição: Este projeto tem como objetivo explorar a dinâmica do recrutamento de candidatos às eleições para os legislativos estaduais sob a perspectiva de gênero. O intuito é focar nos partidos para procurar as razões da baixa presença das mulheres na política representativa. Com base nos dados das eleições de 2010 que apresentamos a seguir a título de exploração inicial e,também, em entrevistas com mulheres militantes de partidos obtidas nos últimos anos, procuraremos investigar se um dos principais obstáculos à entrada das mulheres na política formal se encontra nas organizações partidárias que, na maioria das vezes, tratam as mulheres de forma discriminada.Mesmo que outros canais de participação tenham sido trilhados com sucesso, resultando em importantes conquistas no plano dos direitos (Htun, 2002; Avelar; Telles, 2008), nossa hipótese é que os partidos são a principal fronteira a ser superada se as mulheres almejam incrementar sua presença na política. Embora o tema seja muito discutido nos movimentos feministas, nas ONGs feministas e na bibliografia internacional, entre nós encontramos poucas pesquisas, ou, em alguns casos, apenas menções relacionadas com a análise dos estatutos partidários. A vivência de homens e mulheres no período da seleção de candidatos é o foco desta pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - Atual
50 anos de feminismo: Argentina, Brasil e Chile.
Descrição: Podemos traduzi-los em três focos: 1) o impacto dos feminismos nas políticas públicas, àquelas voltadas para as mulheres; 2) o impacto dos feminismos na legislação voltada à ampliação dos direitos políticos das mulheres; 3) em cada país pesquisado, traçar a trajetória de como as mulheres se construíram como atores políticos democráticos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) .
Integrantes: Lucia Merces de Avelar - Coordenador / Patrícia Rangel - Integrante / Eva Alterman Blay - Integrante / Nelida Archenti - Integrante / Barrancos, dora - Integrante / Anna Maria Corbi Caldas - Integrante / Gradangni, A - Integrante / Maira Arcoverde - Integrante / Flavio Urra - Integrante / Sonia Montano - Integrante / Norma Kiriacos - Integrante / Fatima Pacheco Jordão - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2007 - Atual
Visões de Democracia
Descrição: Estudar as concepções de democracia entre elites governantes e entre os movimentos e grupos da sociedade. Conhecer as críticas que fazem os movimentos ao modelo em vigor de democracia representativa; complementarmente, analisar o julgamento que fazem os membros das elites governamentais da presença dos novos atores na cena política e respectivas concepções de democracia substantiva e representação horizontal. Diante da dinâmica da política tradicional, saber quais as práticas vivenciadas nos movimentos e grupos auto-organizados em termos de participação e representação interna e externa. Saber quais os recursos de comunicação além da Internet na dinâmica dos movimentos, e qual o enquadramento (framing) de suas propostaspara a esfera pública. Conhecer e analisar a dinâmica da interação entre os representantes dos movimentos e as autoridades políticas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2008
Participação Política e Democracia.
Descrição: A pesquisa focaliza a participação política em alguns de seus canais, particularmente os canais eleitoral e organizacional. Para o estudo sobre o canal eleitoral, atualizando um procedimento de análise que idealizamos em trabalho anterior, construiremos um arquivo que reune dados do IBGE, TSE, IPEA/PNUD, com o objetivo de analisar as eleições municipais de 1996, 2000 e 2004 do ponto de vista dos partidos, classificados conforme sua orientação ideológica e procurando saber em quais configurações específicas eles retiram sua força eleitoral. Do lado do canal organizacional, estudaremos, por meio das lideranças e membros de movimentos e ONGs, quais valores e práticas sustentadas em sua ação política e respectivas visões dos valores e práticas da política representativa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Lucia Merces de Avelar - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2
1999 - 2002
Desenvolvimento e poder político: o resgate de uma tese.
Descrição: Uma pesquisa cujo proósito é o estudo das principais áreas de influência das forças político-partidárias no Brasil enfatizando o grau de desenvolvimento das regiões e respectivas localidades de onde os partidos retiram a sua maior força eleitoral, identificando os contextos que constituem os focos de dominação de tipo tradicional (os grotões e o poder regional). Para tanto serão utilizados dados das eleições municipais brasileira colhidos no Tribunal Superior Eleitoral, dados das municipalidades colhidos no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísita, de modo a classifica-las conforme o porte e o nível de desenvolvimento. O projeto apresenta: Apêndice I: Em busca do conceito de oligarquia; Apêndice II: Sobre Participação Política..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (4) .
Integrantes: Lucia Merces de Avelar - Coordenador / F.D. DE LIMA - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
1982 - 1985
A Participaçao político-eleitoral da mulher e consciência feminina.
Descrição: O prijeto visa o estudo da participação da mulher no plano político-eleitoral, de modo a se analisar as preferências político-partidárias e seus correlatos, como as orientações e atividades femininas em relação à política, assim como pesquisar sobre a formação da consciência feminina e sua relação com formas de socialização. O estudo será calcado em um survey a ser realizado por ocasião das eleições de 1982..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) .
Integrantes: Lucia Merces de Avelar - Coordenador.Financiador(es): Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 4


Outros Projetos


2012 - Atual
Terceira edição do livro Sistema Político Brasileiro
Descrição: Em co autoria com Antônio Octávio Cintra, em andamento a revisão e ampliação do livro Sistema Político Brasileiro em sua terceira edição. Editoras Korad-Adenauer Stiftung e Editora da UNESP.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.


Membro de corpo editorial


1995 - Atual
Periódico: Opinião Pública (UNICAMP. Impresso)


Membro de comitê de assessoramento


2008 - 2011
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico


Revisor de periódico


2015 - Atual
Periódico: Pró-Posições (UNICAMP. Impresso)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Gênero e Política.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: PARTICIPAÇÃO POLÍTICA.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Democracia/Especialidade: Democracia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Italiano
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
AVELAR, L. M.2014AVELAR, L. M.. Onde as mulheres se representam? Avenidas da representação extra-parlamentar das mulheres brasileiras. Revista Gênero, v. 14, p. 1, 2014.

2.
AVELAR, L. M.2013AVELAR, L. M.. Movimentos, redes e feminismo de Estado: a representação extraparlamentar das mulheres brasileiras. Cadernos ADENAUER (São Paulo), v. XIV, p. 71-88, 2013.

3.
AVELAR, L. M.2013AVELAR, L. M.. MULHERES BRASILEIRAS E GÊNERO NOS ESPAÇOS PÚBLICOS E PRIVADOS.. Revista Brasileira de Estudos de População (Impresso), v. 30, p. 333-341, 2013.

4.
AVELAR, L. M.2011AVELAR, L. M.. As Mulheres, os Partidos e as eleições de 2010. TD. Teoria e Debate, v. edição, p. 7-9, 2011.

5.
AVELAR, L. M.2008AVELAR, L. M.; WALTER, M. I. . Lentas Mudanças: o voto e a politica tradicional. Opinião Pública (UNICAMP), v. 14, p. 92-122, 2008.

6.
AVELAR, L. M.2007AVELAR, L. M.. Dos Movimentos aos Partidos ? a Sociedade Organizada e a politica formal. Politica & Sociedade, v. 6, p. 22-28, 2007.

7.
AVELAR, L. M.2007AVELAR, L. M.. Mulher e Politica: o mito da Igualdade. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, v. 01, p. 98-102, 2007.

8.
AVELAR, L. M.2006AVELAR, L. M.. Notas sobre desenvolvimento, redistribuição e pobreza.. Inclusão Social (Impresso), v. 2, p. 7-9, 2006.

9.
AVELAR, L. M.2004AVELAR, L. M.. (In)Segurança Humana e Democracia no Brasil. Social Watch, Rio de Janeiro, 2004.

10.
AVELAR, L. M.2001 AVELAR, L. M.. O SISTEMA FEDERATIVO E AS POLÍTICAS DE DESENVOLVIMENTO: DESAFIOS E PERSPECTIVAS NOS PAÍSES DE FORTES DESIGUALDADES. SÉRIE DEBATES DA KONRAD-ADENAUER-STIFTUNG, SÃO PAULO, v. 22, p. 123-146, 2001.

11.
AVELAR, L. M.2000 AVELAR, L. M.; LIMA, F. D. . Lentas Mudanças: O Voto e a Política Tradicional. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 49, p. 195-223, 2000.

12.
AVELAR, L. M.2000AVELAR, L. M.. BRASIL: ÉLITES POLÍTICAS, ELECTORADO Y PERSPECTIVAS DE LA DEMOCRACIA EN LA DÉCADA VENIDERA. REVISTA ESPAÑOLA DE INVESTIGACIONES SOCIOLÓGICAS, MADRID/ESPANHA, v. 92, p. 113-137, 2000.

13.
AVELAR, L. M.1999AVELAR, L. M.. Os Tres Vales: Uma Proposta de Analise Para Politicas Publicas Municipais. EDUCACAO E SOCIEDADE, 1999.

14.
AVELAR, L. M.1999AVELAR, L. M.; LIMA, F. D. . Desenvolvimento, Desigualdade e Poder Político. Política Comparada (Brasília), Brasília, v. I, n.I, p. 9-47, 1999.

15.
AVELAR, L. M.1998AVELAR, L. M.. Elites Politicas, O Eleitorado e A Questao Redistributiva No Brasil. PUBLICACAO. FUNDACAO KONRAD ADENAUER STIFTUNG, n.17, 1998.

16.
AVELAR, L. M.1998AVELAR, L. M.. Organismos Internacionais, Governo e Tecnocratas: A Educacao Publica Em Tempos de Ajustes Estruturais. REVISTA DE EDUCACAO. UFRN, 1998.

17.
AVELAR, L. M.1996AVELAR, L. M.. Clientelismo de Estado e Política Educacional No Brasil. EDUCAÇÃO E SOCIEDADE, v. 54, p. 34-51, 1996.

18.
ALENCAR, L. M.1996AVELAR, L. M.; ALENCAR, L. M. ; Apontamentos Sobre A Questao Feminina Na Escola de Frankfurt. REVISTA PRO-POSICOES, 1996.

19.
AVELAR, L. M.1995AVELAR, L. M.. Pesquisas Pré-Eleitorais Em Questão: Teoria, Técnica e Ética e Sua Relação Com O Processo Democrático. REVISTA DE CIÊNCIAS HUMANAS, v. 13, n.17, p. 29-50, 1995.

20.
AVELAR, L. M.1994AVELAR, L. M.. Transformaciones Estructurales, Crisis Politica Y Elecciones En Brasil. PERFILES LATINOAMERICANOS, MÉXICO, v. 3, n.5, p. 63-85, 1994.

21.
AVELAR, L. M.1994AVELAR, L. M.. Mudanças Estruturais, Crise Política e Eleições. REVISTA SÃO PAULO EM PERSPECTIVA, v. 8, n.3, 1994.

22.
AVELAR, L. M.1992AVELAR, L. M.. As Eleições Na Era da Televisão. REVISTA DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS, v. 32, n.4, p. 42-57, 1992.

23.
PUBLICAS-NEPP-UNICAMP, P. N. P.1987AVELAR, L. M.; PUBLICAS-NEPP-UNICAMP, P. N. P. ; A Educacao Superior Em Debate. BRASIL-1985-RELATORIO SOBRE A SITUACAO SOCIAL DO PAIS., p. 0-0, 1987.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
AVELAR, L. M.; A.O.CINTRA, (Org.) . SISTEMA POLÍTICO BRASILEIRO. 3. ed. Rio de Janeiro e São Paulo: Fundação Konrad-Adenauer e Editora UNESP, 2015. 412p .

2.
AVELAR, L. M.; VENTURI, G. ; Godinho, T . MULHERES BRASILEIRAS E GÊNERO NOS ESPAÇOS PÚBLICOS E PRIVADOS.. 1. ed. São Paulo: SESC e Fundação Perseu Abramo, 2013. v. 1. 408p .

3.
AVELAR, L. M.; CINTRA, A. O. (Org.) . Sistema Político Brasileiro - Uma Introdução (edição revisada e ampliada). 2. ed. Sao Paulo e Rio de Janeiro: UNESP/Konrad-Adenauer, 2007. v. 1. 496p .

4.
AVELAR, L. M.; CINTRA, A. O. (Org.) . Sistema Político Brasileiro - Uma Introdução. Rio de Janeiro: Fundação Konrad Adenauer, 2004. v. 1.000. 414p .

5.
AVELAR, L. M.. Mulheres na Elite Política Brasileira. 2. ed. São Paulo: Editora UNESP/Editora Konrad-Adenauer, 2002. v. 2000. 188p .

6.
AVELAR, L. M.. Mulheres Na Elite Política Brasileira. Canais de Acesso Ao Poder. 2. ed. SÃO PAULO: KONRAD-ADENAUER STIFTUNG, 1998. 95p .

7.
AVELAR, L. M.. O Segundo Eletorado, Tendencias do Voto Feminino No Brasil. CAMPINAS: EDITORA DA UNICAMP, 1989. 00132p .

Capítulos de livros publicados
1.
AVELAR, L. M.; Dantas, H. ; Abrucio, F. ; Consentino, L. ; Estramanho, R. . Ética e Democracia: participação e compromisso.. In: José Mário Brasiliense Carneiro. (Org.). Princípios da Democracia. 1ed.São Paulo: Oficina Municipal e Konrad-Adenauer, 2015, v. 1, p. 9-33.

2.
AVELAR, L. M.. Mulher, gênero e política. In: Lucia Avelar; Antonio Octavio Cintra. (Org.). Sistema Político Brasileiro. 3ed.Rio de Janeiro; São Paulo: Konrad Adenauer Stiftung; Editora Unesp, 2015, v. , p. 207-225.

3.
AVELAR, L. M.; CINTRA, A. O. . Prefácio. In: Lucia Avelar; Antonio Octavio Cintra. (Org.). Sistema Politico Brasileiro. 3ed.Rio de Janeiro; São Paulo: Konrad Adenauer Stiftung; Editora Unesp, 2015, v. 1, p. 11-13.

4.
AVELAR, L. M.. SENTIMENTS. In: CHEHABI, H. E.. (Org.). Juan J. Linz: Scholar, Teacher, Friend.. 1ed.Cambridge: T?y Aur Press, 2014, v. 1, p. 2-5.

5.
AVELAR, L. M.. MULHER E POLÍTICA EM PERSPECTIVA. In: VENTURI, G; GODINHO, T.. (Org.). MULHERES BRASILEIRAS E GÊNERO NOS ESPAÇOS PÚBLICOS E PRIVADOS.. 1ed.São Paulo: SESC e Fundação Perseu Abramo, 2013, v. 1, p. 291-314.

6.
AVELAR, L. M.; CINTRA, A. O. . Participação Política (revisão de artigo publicado em 2004). In: Avelar, Lucia; Cintra, Antonio Octávio. (Org.). Sistema Político Brasileiro - Uma Introdução. 2ed.Sao Paulo/ Rio de Janeiro: UNESP/Konrad-Adenauer, 2007, v. 1, p. 223-237.

7.
AVELAR, L. M.. Controle-cidadao: ferramenta contra a corrupcao politica. In: INESC. (Org.). Pensando uma Agenda Para o Brasil ? desafios e perspectivas. 1ed.Curitiba: INESC, 2007, v. 1, p. 32-43.

8.
AVELAR, L. M.; CINTRA, A. O. . Prefácio à segunda edição. In: Lucia Avelar; Antonio Octavio Cintral. (Org.). Sistema Político Brasileiro: uma introdução. 2ed.Rio de Janeiro; São Paulo: Konrad Adenauer Stiftung; Editora Unesp, 2007, v. , p. 15-19.

9.
AVELAR, L. M.. A Incipiente Construção da Terceira Via Política para o DF. In: Timothy Mulholland;Dóris de Faria. (Org.). DF em Questão: a Universidade e as Eleiçoes 2006 no DF. 1ed.Brasília: Editora UNB, 2006, v. 1, p. 323-328.

10.
AVELAR, L. M.. Erradicação da Pobreza: a Falta das Políticas. In: Timothy Mulholland;Dóris de Faria. (Org.). Brasil em Questão - A Universidade e o Futuro do País. 1ed.Brasília: Editora UNB, 2006, v. 01, p. 303-305.

11.
AVELAR, L. M.; CINTRA, A. O. . Participação Política. In: Lúcia Avelar; Antonio Octávio Cintra. (Org.). Sistema Político Brasileiro-Uma Introdução. Rio de Janeiro: Fundação Konrad Adenauer, 2004, v. 1, p. 223-236.

12.
AVELAR, L. M.. Clientelismo. In: Alberto Dines, Florestan Fernandes Júnior e Nelma Salomão. (Org.). Histórias do Poder - 100 Anos de Política no Brasil. São Paulo: Editora 34, 2000, v. 3, p. 55-73.

13.
AVELAR, L. M.. The Role Of State In Education. In: Laura Randall; Joan Anderson. (Org.). Schooling for Success. Ied.NEW YORK: .M.E.Sharpe, 1999, v. I, p. 43-52.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
AVELAR, L. M.. Uma bandeira popular. Carta Capital, São Paulo, p. 15 - 15, 24 ago. 2011.

2.
AVELAR, L. M.. Revista do Observatorio Brasil da Igualdade de Gênero.. Revista do Observatório Brasil da Igualdade de Gênero, p. 17 - 19, 15 dez. 2010.

3.
AVELAR, L. M.. A oposição no divâ.. Carta Capital - Edição especial., São Paulo, p. 42 - 44, 03 nov. 2010.

4.
AVELAR, L. M.. The Prima Facie of Democracy. Eiropean University Institute Review., Itália., p. 6 - 8, 03 dez. 2007.

5.
AVELAR, L. M.. Confiança nos Políticos é baixa em todo mundo.. Em vários jornais do país/A pedido da Assessoria de Comunicação da UnB, 20 set. 2004.

6.
AVELAR, L. M.. Na Política as Mulheres ainda têm que provar que são ótimas. Revista Cláudia, São Paulo, p. 31 - 33, 01 jun. 2002.

7.
AVELAR, L. M.. Rita deverá "substituir" Roseana. Folha de São Paulo, São Paulo, p. A6 - A6, 24 maio 2002.

8.
AVELAR, L. M.. As Elites e as Eleições de 2002. UnB Revista, Brasília, p. 65 - 67, 01 abr. 2002.

9.
AVELAR, L. M.. Mulher e Política: o mito da igualdade. Social Democracia Brasileira, Brasília, p. 40 - 54, 01 mar. 2002.

10.
AVELAR, L. M.. Mulheres na elite Política: comparando o Brasil com outros países. Jornal do C-Fêmea, 01 dez. 1999.

11.
AVELAR, L. M.. O Voto Feminino. Jornal C-Fêmea, 04 jun. 1998.

12.
AVELAR, L. M.. A Participação Política das Mulheres. Jornal do C-Fêmea, Brasília.

13.
AVELAR, L. M.. Eleições e Analfabetismo. Correio Brasiliense, Brasília.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
AVELAR, L. M.; RANGEL, P. . Caminhos da representação extraparlamentar das mulheres: Argentina e Brasil. In: II Encontro Internacional Participação, Democracia e Políticas Públicas, 2015, Campinas. Anais do II Encontro Internacional Participação, Democracia e Políticas Públicas. Campinas: Unicamp, 2015. v. 1. p. 1-1.

2.
AVELAR, L. M.. Mulheres, eleições e políticas sociais.. In: Diálogos Interdisciplinares., 2010, brasilia. Simposio Gênero & Psicologia Social.. ..: .., 2010. v. 1. p. 91-101.

3.
AVELAR, L. M.; RANGEL, P. . Demandas feministas e políticas de gênero: um estudo comparado.. In: V Congreso Latinoamericano de Ciencia Política. Asociación Latinoamericana de Ciencia Política, 2010, Buenos Aires. Anais do V Congreso Latinoamericano de Ciencia Política. Asociación Latinoamericana de Ciencia Política, 2010.

4.
AVELAR, L. M.. Sistemas Eleitorais e Reforma Politica: onde entra a Perspectiva das Mulheres?. In: Seminario Internacional ? Politica e Feminismo ? a Politica na Ausencia das Mulheres, 2007, Belo Horizonte. Anais do Seminario Internacional ? Politica e Feminismo ? a Politica na Ausencia das Mulheres. Belo Horizonte: UFMG, 2007. v. 01. p. 25-33.

5.
AVELAR, L. M.. Dos Movimentos aos Partidos ? a Sociedade Organizada e a politica formal. In: Seminario Internacional ? Movimentos Sociais, Participacao e Democracia?, 2007, Florianópolis. Dossie do Seminario Internacional ? Movimentos Sociais, Participacao e Democracia?. Florianopolis: UFSC, 2007. v. 06. p. 101-116.

6.
AVELAR, L. M.. Diversidade Regional e Políticas de Desenvolvimento Social. In: Federalismo: comparação Brasil e Alemanha, 2000, Berlim. Fundação Konrad-Adenauer-Stiftung. Berlim: Konrad-Adenauer-Stiftung, 2000.

7.
AVELAR, L. M.. Regionalização e Descentralização: Identidades Regionais e o Desenvolvimento Integrado das Subregiões. In: I Conferência sobre Federalismo Cooperativo, 2000, Brasília. Anais da I Conferência sobre Federalismo Cooperativo, 2000.

8.
AVELAR, L. M.. Citizenship and Social Diversity: The Aspect of Regional Diversity. In: Conference on Federalism, 1999, Mont-Tremblant. Anais dos Forum of Federations, 1999.

9.
AVELAR, L. M.. Citoyenneté et Diversité Sociale: L'Aspect de la Diversité Regionale. In: Conférence Internationale sur le fédéralism à l'ère de la mondialisation, 1999, Mont Tremblant. Anais da Conference Internationale sur le Federalisme à l'ére de la mondialisation, 1999.

10.
AVELAR, L. M.. La Ciudadania y la diversidad social: el aspecto de la diversidad regional. In: Conferencia Internacional sobre Federalismo, 1999, Mont-Tremblant, Quebec, Candá. Anais da Conferencia Internacional sobre Federalismo, 1999.

11.
AVELAR, L. M.. Controversias Sobre Pesquisas Eleitorais: Explicacao, Predicao. In: SEMINARIO NACIONAL SOBRE COMPORTAMENTO POLITICO, 3, 1997. PALESTRA. FLORIANOPOLIS.

12.
AVELAR, L. M.. Eleicoes Presidenciais Na Era da Televisao(Mass Media And Mass Politics). In: MEXICO AND BRAZIL: CONTRASTING MODELS OF MEDIA, 1990. ABSTRACTS. PROVIDENEE. p. 0-0.

13.
AVELAR, L. M.. Popular Participation In The 1989 Presidential Elections. In: NEW ENGLAND OF LATIN AMERICA STUDIES (NECLAS), 1990. ABSTRACTS. NEW HAMPSHIRE. p. 0-0.

14.
AVELAR, L. M.. O Conservadorismo Politico Feminino. In: LATIN AMERICA STUDIES ASSOCIATION - LASA, 1989. ABSTRACTS. MIAMI. p. 0-0.

15.
AVELAR, L. M.. A Racionalidade Politica da Mulher. In: ASSOC. VACIONAL DE POS-GRADUACAO E PESQUISA EM CIENCIAS SOCIAIS, 1989. RESUMOS. CAXAMBU. p. 0-0.

16.
AVELAR, L. M.. A Participacao Politica da Mulher e A Ideologia do Conservadorismo Politico Feminino. In: REUNIAO ANUAL DA ANPOCS, 1988. RESUMOS. AGUAS DE SAO PEDRO. p. 0-0.

17.
AVELAR, L. M.. The Relations Between Party Elites And Following. In: LATIN AMERICA STUDIES ASSOCIATION, 1986. ABSTRACTS. BOSTON/MASS. p. 0-0.

18.
AVELAR, L. M.. O Conservadorismo Politico Feminino: A Dimensao Eleitoral. In: CICLO DE ESTUDOS SOBRE O BRASIL, 1986. RESUMOS. ALBANY/N.Y.. p. 0-0.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
AVELAR, L. M.; RANGEL, P. . Feminismo de Estado e representação política das mulheres: Argentina, Brasil e Chile.. In: XVIII Simpósio Baiano de Pesquisadoras (es) sobre Mulher e Relações de Gênero- Territorialidades. Dimensões de Gênero , Desenvolvimento e Empoderamento das Mulheres., 2015, Salvador. Anais do XVIII Simposio Baiano de Pesquisadoras(es) Sobre Mulher e Relações de Gênero.. Salvador: UFBA, 2015. v. 1. p. 1-2.

2.
AVELAR, L. M.; RANGEL, P. . State Feminism and Women?s Political Rights: Argentina, Brazil and Chile. In: ECPR General Conference 2015, 2015, Montreal. ECPR General Conference 2015. Montreal: ECPR General Conference 2015, 2015.

3.
AVELAR, L. M.; LIMA, F. D. . Uma Analise Ecologica da Preferencia dos Eleitores Brasileiros. In: CONGRESSO NACIONAL DA ANPOCS, 1997. ANAIS. ..

4.
AVELAR, L. M.. A Participacao Politica das Mulheres Nos Movimentos Sociais. In: BRASA CONGRESS, 1997. RESUMOS. WASHINGTON.

5.
AVELAR, L. M.; LIMA, F. D. . Uma Analise Ecologica dos Dados Eleitorais de 1996. In: ANPOCS, 1997. RESUMOS. ..

Artigos aceitos para publicação
1.
AVELAR, L. M.. Movimentos, redes e feminismo de Estado: a representação extra-parlamentar das mulheres.. Cadernos ADENAUER (São Paulo), 2013.

2.
AVELAR, L. M.. Democracia e desigualdade social. Revista Brasileira de Estudos Políticos, 2009.

Apresentações de Trabalho
1.
AVELAR, L. M.; RANGEL, P. . Caminhos da representação extraparlamentar das mulheres: Argentina e Brasil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
AVELAR, L. M.. Ten months in Power in Brazil: An Assessment of Dilma´s government. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
AVELAR, L. M.. Estado e Sociedade no Brasil contemporâneo.(apresentação oral). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
AVELAR, L. M.. Rebels with a Cause: Women in Brazilian Political Life (Brazil Chair). 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
AVELAR, L. M.. Moderação da mesa 'Revalorización de la política a dos siglos de la independencia'. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
AVELAR, L. M.. Rebels With a Cause: Women in Brazilian Politics. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
AVELAR, L. M.; RANGEL, P. . Demandas feministas e políticas de gênero: um estudo comparado. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
AVELAR, L. M.. Democracia e desigualdade social. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
AVELAR, L. M.. Democracia e desigualdade social no Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
AVELAR, L. M.. America Latina: problemas e desafios. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
AVELAR, L. M.. Os Direitos Humanos das Mulheres no Século XXI. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
AVELAR, L. M.. A mulher no espaço público brasileiro 2014 (Artigo online).

2.
AVELAR, L. M.. Gênero e Comportamento Eleitoral: As Mulheres nas eleições de 2010.. Rio de Janeiro: ABEP: ASSOCIAÇAO BRASILEIRA DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 2013 (RESENHA DE LIVRO).

3.
AVELAR, L. M.. Genero e Educacao: Lutas do Passado, conquistas do presente e perspectivas futuras. São Paulo, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

4.
AVELAR, L. M.. Dilemas éticos na administração municipal 1998 ("Case-studies").


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
AVELAR, L. M.. Desde 04/07/2008: Membro T itular do Comitê Assessor do CNPq.. 2008.

2.
AVELAR, L. M.. Parecerista Revista Dados: entregue me 28/11/2008.. 2008.

3.
AVELAR, L. M.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 1995.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
AVELAR, L. M.. Eleições Brasileiras. 2000. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
AVELAR, L. M.. O Século das Mulheres. 2000. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

3.
AVELAR, L. M.. Clientelismo Político no Brasil da Atualidade. 2000. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
AVELAR, L. M.. Eleitorado Brasileiro. 1999. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
AVELAR, L. M.. Desenvolvimento Territorial Integrado e Sustentável: estudo dos referenciais teóricos e históricos relativos às estruturas de poder local e sua influência nos processos de Desenvolvimento Territorial. 2010. (Relatório de pesquisa).

2.
AVELAR, L. M.. Corrupção Política. 2010. (Relatório de pesquisa).

3.
AVELAR, L. M.. O Projeto Ficha Limpa. 2010. (Relatório de pesquisa).

4.
Ribeiro de Oliveira, Pedro ; AVELAR, L. M. . Análise de Conjuntura (mensal). 2007. (Divulgação, informação.).

5.
AVELAR, L. M.. Participação e Cidadania. 2001. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
AVELAR, L. M.. Participação Política. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
AVELAR, L. M.. As Mulheres nas Eleições Municipais Brasileiras de 2004. 2004 (Video-conferencia).

2.
AVELAR, L. M.. Obstáculos à Participação Política Feminina. 2004 (Video-conferencia).

3.
AVELAR, L. M.. Eleitorado Feminino e participação nas eleiçoes de 2004. 2004.

4.
AVELAR, L. M.. As Mulheres e os Direitos Humanos. 2000.

5.
AVELAR, L. M.. Mulheres na Elite Política: comparando o Brasil com outros países. 2000.

Demais trabalhos
1.
AVELAR, L. M.. Ética e Política. 2000 (Cursos de curta duração) .

2.
AVELAR, L. M.. Participação Política Feminina: natureza e desafios. 2000 (Cursos de curta duração) .

3.
AVELAR, L. M.. Participação Política Feminina: natureza e desafios. 2000 (Cursos de curta duração) .

4.
AVELAR, L. M.. Ética e Política. 2000 (Cursos de curta duração) .

5.
AVELAR, L. M.. Participação Política. 1999 (Palestras, conferências, cursos de curta duração) .

6.
AVELAR, L. M.. Participação Política. 1999 (Palestras, conferências, cursos de curta duração) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
AVELAR, L. M.; Batista, C.M.; CASTRO, J.A.. Participação em banca de Gildete Dutra. Aspectos da Política de Educação Superior e Formação Profissional no Brasil. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília.

2.
AVELAR, L. M.; TOKARSKI, F.M.B.; RANINCHESKI, S.M.. Participação em banca de Luiz Alberto Weber. Capital Social e Corrupção Política nos Municípios Brasileiros (o poder do associativismo). 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília.

3.
FALEIROS, V.P.; SPOSATI, A.; AVELAR, L. M.; STEIN, R.H.; LEAL, M.L.P.; THEODORO, M. L.. Participação em banca de Maria Raquel Lino de Freitas. A Assitência Social e a Democratização à Brasileira:cultura política em perspectiva. 2006. Dissertação (Mestrado em Política Social) - Universidade de Brasília.

4.
GUIMARÃES, D.M.; AVELAR, L. M.; BANDEIRA, M.L.. Participação em banca de Luana Simões Pinheiro. Vozes femininas na Política: uma análise sobre mulheres parlamentares no pós-Constituinte. 2006. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade de Brasília.

5.
SINGER, A. V.; BALBACHEVSCKY, E.; AVELAR, L. M.. Participação em banca de Hilton Cesário Fernandes. Voto e gênero: o comportamento eleitoral feminino na sucessão presidencial de 2002. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
MENEGUELLO, R.; MOISES, J. A.; FERREIRA, V. C.; VENTURI, G.; AVELAR, L. M.. Participação em banca de Fabíolo Brigante de Porto.. Jovens da Democracia? Valores políticos das coortes da juventude brasileira no período democrático recente (1989 a 2006). 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

2.
RODRIGUES, A.; GROTH, T.; TURGEON, M.; FLESCHER, S.; AVELAR, L. M.. Participação em banca de Patricia Duarte Rangel. Movimentos feministas e direitos políticos das mulheres: Argentina e Brasil. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de Brasília.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Professor titular
1.
AVELAR, L. M.; Cruz, Sebastiao Velasco; NICOLAU, J.; MOISES, J. A.; LIMONGI, F. M. P.. Rachel Meneguello. 2013. Universidade Estadual de Campinas.

2.
sherer-warren, i; ARAÚJO, C.R.R.; AVELAR, L. M.; Azevedo, Sergio de; Cardoso Silva, Vera Alice. Concurso Prof. Titular: Leonardo Avritzer. 2011. Universidade Federal de Minas Gerais.

Concurso público
1.
AVELAR, L. M.; COHN, G.; ARAÚJO, C.R.R.; LOPES, J.R.L.; DINIZ, E.R.. Concurso Público para obtenção do título de Livre-Docência. 2006. Universidade de São Paulo.

Outras participações
1.
AVELAR, L. M.; XAVIER FILHA, C.; SANTOS, D. B.; TAVARES NETO, I.; PENNA, M. R.; ALMEIDA, T. M. C.; SORJ, B.; MARTINS, A. P. V.; AQUINO, E. M. L.; ALVES, J. E. D.; SPINK, M. J.; GROSSI, M. P.; FERREIRA, O. A.; IRINEU, B. A.. Comissão Julgadora Prêmio Construíndo a Igualdade de Genero. 2012. Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.

2.
AVELAR, L. M.. Comissão Julgadora Prêmio Teses e Dissertações ANPOCS. 2012. Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais.

3.
MOTTA, L>G.; ADGHIRNI, Z.L.; AVELAR, L. M.; SILVA, L.M.. Seleçao Pública Simplificada para Professor Visitante. 2006. Universidade de Brasília.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Cidadania e Política.Participação e Democracia no Brasil: novas formas de representação.. 2015. (Seminário).

2.
Dia da Democracia.Representação Política: A Representação extra-parlamentar. 2014. (Seminário).

3.
Construindo a Igualdade de Gênero.Membro do Comitê Julgador do Prêmio " Construindo a Igualdade de Gênero. 2013. (Outra).

4.
Curso de Formação Política para Mulheres.Sistema Político Brasileiro e Gênero.. 2013. (Seminário).

5.
Curso de Formação Política para Mulheres.Movimentos, redes e feminismo de Estado: a representação extraparlamentar das mulheres brasileiras. 2013. (Encontro).

6.
I Semana de Pós-graduação-Ciência Política: Universidade Federal de São Carlos.. Mulheres na Política-um debate sobre Participação e Representação.. 2013. (Congresso).

7.
Seminário sobre Masculinidades.Debatedora da Mesa. 2013. (Seminário).

8.
Seminário sobre Mulheres na Política..Mulheres Prefeitas: desafios.. 2013. (Seminário).

9.
80 Anos do Voto Feminino no Brasil.Mulher e Política: avanços e desafios.. 2012. (Seminário).

10.
8 Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política.Reforma política, representação e empoderamento: as mulheres nos espaços de decisão política.. 2012. (Encontro).

11.
ANPOCS.Membro do Juir para a premiação de dissertações de Mestrado e Teses de Doutorado. 2012. (Seminário).

12.
Feminismos, política e cultura: mudanças no Brasil contemporâneo..Desafios e perspectivas das mulheres na política contemporânea.. 2012. (Seminário).

13.
Brazilian Chair.Rebels with a cause: women in Brazilian political life. 2011. (Outra).

14.
Brazilian Chair: Consulado Brasileiro no Canadá e Université de Montreal a Quèbec.Femmes et politique ao Brèsil. 2011. (Encontro).

15.
Brazilian Chair: Consulado Brasileiro no Canadá e York University.Rebels with a cause: women in Brazilian political life. 2011. (Outra).

16.
Brazilian Chair: IDRC (international Development Research Council) e Embaixada Brasileira do Brasil em Otowwa..Ten months in Power in Brazil: An Assessment of Dilma´s government. 2011. (Outra).

17.
Pensar a América Latina..Estado e Sociedade no Brasil contemporâneo.(apresentação oral). 2011. (Seminário).

18.
Diálogos Interdisciplinares..Conservadoras, liberais e socialistas: as mulheres na representação política.. 2010. (Simpósio).

19.
Estado-Sociedade-Política: 40 anos de desenvolvimento político e cooperaçao internacional..A importância do associativismo na democracia brasileira. 2009. (Seminário).

20.
Brasil em Questão. Como erradicar a pobreza e corrigir os desequilibrios regionais. 2006. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
AVELAR, L. M.; HOFMEISTER, W. ; EGENHOFF, T. ; HERMANNS, K. . Reunião do Conselho Consultivo. 2006. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Tese de doutorado
1.
Patrícia Duarte Rangel. Demandas feministas e políticas de gênero. Início: 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Ciência Política) - Universidade de Brasília. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Adriana Resende Monteiro. Pessoas com deficiência: a trajetória de um tema na agenda pública.. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

2.
Patrícia Andréa Osandón Albarrán. ONGs Feministas: conquistas e resultados no âmbito da Lei Maria da Penha.. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

3.
Camila Penna de Castro. Protesto social no Brasil e na Argentina: um estudo do repertório de ação coletiva entre 2000 e 2005. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

4.
Daniela Mesquita de Franco Ribeiro. Os Conselhos de saude: participaçao, autonomia e cooptação.. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

5.
Luis Alberto Weber. Capital social e corrupçao política nos municipios brasileiros- o poder do associativismo.. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

6.
Leonardo Barreto. "Quanto de quê"? O debate teórico e os estudos de democratização .. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

7.
Alexandre Ganança Cicconello. Associativismo no Brasil: características e limites para a construçao de uma nova institucionalidade participativa.. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

8.
Iara Pietricovsky de Oliveira. Inter-Redes - Um Estudo de Caso sobre a Democracia Participativa no Brasil. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

9.
Carlos Daniel Seidel. Políticas Sociais e Relações de Gênero: as políticas de renda mínima e o desenvolvimento da cidadania das mulheres em Samambaia-DF. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

10.
Bruno Sadeck Santos. Federalismo e relações inter-governamentais. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

11.
Paola Ramos Favetti. Partidos Aliados em Eleições Presidenciais no Brasil: análise das coligações vencedoras em 1994, 1998 e 2002.. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

12.
Daniela Nogueira de Sousa. Participação e Reconhecimento na Organização Social em torno da Gestão de Recursos Hídricos. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

13.
Cristiane Leydencker de Lima. A Relação Partido/Sindicato: Um Estudo de Caso. 2004. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

14.
Erle Cavalcante Mesquita. A Política de Saude no estado do Ceará. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

15.
Carlos Eugenio Varella Escosteguy. A representaçao politica do negro na bancada federal. 2003. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

16.
Paola Novaes Ramos. Lideranças Políticas. 2002. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

17.
Daniela Nogueira. Participação Política e os movimentos para a gestão de recusrsos hídricos. 2002. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

18.
ERLE CAVALCANTE MESQUITA. Construíndo Identidades: O governo e as ONGS: o caso do Ceará. 2002. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

19.
Mariane Campello Koslinski. A Política do FUNDEF: uma análise empírica de resultados. 2000. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

20.
Paulo Marques. A Política do Ensino Médio no Brasil. 2000. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

21.
Alexandre Seabra Júnior. Globalização e educação para o trabalho. 2000. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

22.
Sérgio Santos. ONGs e intermediação de interesses. 2000. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

23.
Wanda Russo. A Representação Política da Mulher no Parlamento. 1999. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

24.
MARCIO CARVALHO SEGUNDO. Orcamento Participativo do Distrito Federal. 1998. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

25.
CARLOS WELLINGTON. Orcamento e A Questao Federativa. 1998. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

26.
Sandra Maria Faleiros Lima. Sindicalismo e Educação ambiental. 1996. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

27.
Leny Leitão. Estado Autoritário e Política Educacional. 1995. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

28.
Política de Educação. Dirce Passos. 1995. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

29.
Política de Educação. Dirce Passos. 1995. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

Tese de doutorado
1.
Patricia Duarte Rangel. Movimentos feministas e direitos políticos das mulheres: Argentina e Brasil. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

2.
Raymundo Helvécio de Aguiar. Política de Educação de Adultos no Brasil. 2000. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

3.
Elizabeth Pompeo de Camargo. Fernando de Azevedo: contribuições à política de educação no Brasil. 2000. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

4.
Heloisa Lara Campos. A Mulher na Amazônia no século XIX: representações sociais e papéis políticos.. 2000. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

5.
Sandra Maria Faleiros Lima. Politica ambiental e empresas nacionais. 2000. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

6.
João Monlevade. O Piso Salarial para a Educação Fundamental no Brasil. 2000. Tese (Doutorado em Educação) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Lucia Merces de Avelar.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Juacyr Gomes de Sá. O Federalismo Brasileiro: origens e características. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciência Política) - Universidade de Brasília. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

2.
André Luiz Lara Resende Saraiva. Participação Política e o papel das ONGs na relação Estado-sociedade. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciência Política) - Universidade de Brasília. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

Iniciação científica
1.
Perla Ribeiro. ONGs como novos atores políticos. 1999. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência Política) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Lucia Merces de Avelar.

2.
Leonardo Pinheiro. As ONGs e os grupos de interesse. 1999. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência Política) - Universidade de Brasília. Orientador: Lucia Merces de Avelar.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
AVELAR, L. M.2013AVELAR, L. M.. Movimentos, redes e feminismo de Estado: a representação extraparlamentar das mulheres brasileiras. Cadernos ADENAUER (São Paulo), v. XIV, p. 71-88, 2013.


Livros e capítulos
1.
AVELAR, L. M.; VENTURI, G. ; Godinho, T . MULHERES BRASILEIRAS E GÊNERO NOS ESPAÇOS PÚBLICOS E PRIVADOS.. 1. ed. São Paulo: SESC e Fundação Perseu Abramo, 2013. v. 1. 408p .

2.
AVELAR, L. M.; A.O.CINTRA, (Org.) . SISTEMA POLÍTICO BRASILEIRO. 3. ed. Rio de Janeiro e São Paulo: Fundação Konrad-Adenauer e Editora UNESP, 2015. 412p .

1.
AVELAR, L. M.; Dantas, H. ; Abrucio, F. ; Consentino, L. ; Estramanho, R. . Ética e Democracia: participação e compromisso.. In: José Mário Brasiliense Carneiro. (Org.). Princípios da Democracia. 1ed.São Paulo: Oficina Municipal e Konrad-Adenauer, 2015, v. 1, p. 9-33.



Outras informações relevantes


Membro do Comitê Editorial da Editora da Universidade de Brasília. 2007 a 2008
De 04/2007 a 2011, Membro Titular do Comitê Assessor de Ciência Política do CNPq.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/01/2019 às 11:33:43