Sebastiao Carlos Velasco e Cruz

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1A

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0930029261355652
  • Última atualização do currículo em 09/02/2018


Pesquisador 1 A do CNPq.. Professor Titular do Departamento de Ciência Política da Unicamp e do Programa San Tiago Dantas de Pós-Graduação em Relações Internacionais, UNESP/UNICAMP/PUC-SP. Graduado em Ciências Sociais pela Universidade Federal Fluminense (1972), Mestre em Ciência Política pelo Instituto Universitário de Pesquisa do Rio de Janeiro/IUPERJ (1976), Doutor em Ciência Política pela Universidade de São Paulo (1984), detém o título de Docteur d?État da Fondation Nationale des Sciences Politiques (1987). Tendo exercido a presidência do Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (CEDEC) (2009-2012), é Coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU), e coordenador, pela UNICAMP, do Programa de Pós Graduação em Relações Internacionais UNESP/UNICAMP/PUC-SP. Ex-iIntegrante do Comitê Gestor do Programa de Ciências Sociais/CPLP, do Ministério da Ciência e Tecnologia, foi membro titular do Comitê Gestor do Programa Renato Archer de Apoio à Pesquisa em Relações Internacionais/MNCT-MRE (2005-06) e do Comitê de Assessoramento Acadêmico de Antropologia, Arqueologia, Ciência Política, Relações Internacionais e Sociologia (CA-CS), do CNPq, como representante da subárea de Relações Internacionais (2005-2008), atuando como coordenador deste Comitê de 2006 a 2008. Foi ainda membro titular do Comitê Científico da Cátedra Vilmar Faria de Estudos Latino-Americanos, da FLACSO (2002-2004). Tendo participado de conselhos da ANPOCS e da ABCP, participou ativamente na fundação da Associação Brasileira de Relações Internacionais, EM 2005, cujo Conselho Diretor integrou na condição de membro titular. Foi membro fundador do World International Studies Committee junto ao qual atuou com representante brasileiro entre 2002 e 2006, e do GACINT (Grupo de Análise da Conjuntura Internacional. Coordenador do Projeto Temático Reestruturação Econômica Mundial e Reformas Orientadas para o Mercado nos Países em Desenvolvimento (FAPESP, 2002), coordenou o estudo da Dimensão Global, no Projeto Brasil 3 Tempos: 2007, 1015 e 2022. IEA/USP-NAE (2004). Pesquisador Visitante (Visiting Scholar) na Universidade de Stanford (1995/1996) e na Universidade de Massachusetts-Boston (2012), foi professor convidado da Universidade de Paris X - Nanterre (1999) e Paris I - Panthéon Sorbonne (2011). Autor de sete livros individuais e dezenas de artigos em periódicos indexados, recebeu o Prêmio Jabuti pela obra Empresariado e Estado na Transição Brasileira. Um estudo sobre a economia política do autoritarismo (1974-1977) (1996), e o Prêmio ANPOCS para Obra Científica de Ciências Sociais pelo livro Trajetórias: Capitalismo Neoliberal e Reformas Econômicas nos Países da Periferia (2008). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Sebastiao Carlos Velasco e Cruz
Nome em citações bibliográficas
CRUZ, S. C. V.

Endereço


Endereço Profissional
Centro de Estudos de Cultura Contemporânea, Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec).
Rua Riachuelo, 217 - Sala 42

01007000 - São Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 38712966
URL da Homepage: www.cedec.org.br


Formação acadêmica/titulação


1978 - 1984
Doutorado em Ciência Política.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Os empresários e o regime no Brasil: a campanha contra a estatização, Ano de obtenção: 1984.
Orientador: Maria do Carmo Campello de Sousa.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
1972 - 1976
Mestrado em Ciência Política.
Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ, Brasil.
Título: Instabilidade política: o caso argentino, 1955-1970,Ano de Obtenção: 1976.
Orientador: Cesar Augusto Guimarães.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
1967 - 1971
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.


Pós-doutorado e Livre-docência


1993
Livre-docência.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Título: Estado e economia em tempos de crise. Política industrial e transição política no Brasil nos anos 80, Ano de obtenção: 1993.
Palavras-chave: Estado; Crise; Política industrial; Transicao.
Grande área: Ciências Humanas
1982 - 1986
Pós-Doutorado.
Fondation Nationale des Sciences Politiques, FNSP, França.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Atuação Profissional



Universidade de Paris I, Panthéon-Sorbonne, UP1, França.
Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Professor vistante, Enquadramento Funcional: Professor convidado


Universidade Candido Mendes, UCAM, Brasil.
Vínculo institucional

1972 - 1975
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor horista, Carga horária: 20

Atividades

03/1972 - 1/1975
Ensino, Sociologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia

Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1997 - 2000
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1993 - 1996
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor livre-docente, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1985 - 1993
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor assistente doutor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

3/2003 - Atual
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Economia política internacional
3/2003 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Progr. San Tiago Dantas de Pós-Grad. R. I. (UNESP/Unicamp/PUC-SP), .

Cargo ou função
Membro do Conselho.
1/1989 - Atual
Ensino, Ciência Política, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ciência Política
Pensamento Liberal
3/1987 - Atual
Ensino, Ciência Política, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria política
Economia política internacional
Metodologia
Estado e interesses empresariais
Estado e desenvolvimento no Brasil
06/2003 - 08/2004
Direção e administração, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Ciências Políticas.

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
01/1997 - 01/2001
Direção e administração, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Chefe do Departamento de Ciência Política.
10/1992 - 10/1994
Conselhos, Comissões e Consultoria, Núcleo de Estudos Estratégicos, .

Cargo ou função
Membro do Conselho.
1/1993 - 1/1994
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Coordenador da Área Estado e Políticas Públicas do Doutorado em Ciências Sociais.
6/1987 - 6/1989
Direção e administração, Programa de Pós Graduação Em Ciência Política, .

Cargo ou função
Coordenador de Programa.

Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ, Brasil.
Vínculo institucional

1977 - 1982
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Conferencista do Seminário Preparatório para os candidatos aprovados ao Programa de Mestrado em Ciência Política e Sociologia do Iuperj, 1975 e 1976

Atividades

01/1977 - 05/1982
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, .


Centro de Estudos de Cultura Contemporânea, CEDEC, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - Atual
Vínculo: Pesquisador colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador colaborador, Carga horária: 0

Atividades

10/2009 - Atual
Direção e administração, Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec), .

Cargo ou função
Diretor Presidente.
01/2009 - Atual
Direção e administração, Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec), .

Cargo ou função
Vice-coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU).
11/2003 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec), .

Cargo ou função
Membro do Conselho Deliberativo.
2002 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec), .

Cargo ou função
Membro do Conselho Editorial de Lua Nova - Revista de Cultura e Política.
11/2001 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec), .

09/2007 - 09/2009
Direção e administração, Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec), .

Cargo ou função
Diretor vice-presidente.

Stanford University, SU, Estados Unidos.
Vínculo institucional

1995 - 1997
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Pesquisador visitante, Carga horária: 40

Atividades

7/1995 - 7/1997
Estágios , Center for Latin American Studies, .

Estágio realizado
Pesquisador visitante.

Centro Brasileiro de Análise e Planejamento, CEBRAP, Brasil.
Vínculo institucional

1990 - 1991
Vínculo: Pesquisador Associado, Enquadramento Funcional: Pesquisador Associado, Carga horária: 0
Outras informações
Área de Política e Sociedade

Atividades

1/1990 - 12/1991
Pesquisa e desenvolvimento , Câmara de Pesquisadores, Centro de Estudos da Metrópole.

Linhas de pesquisa
Política e Sociedade

Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

1975 - 1978
Vínculo: Professor Conferencista, Enquadramento Funcional: Professor Conferencista, Carga horária: 0

Atividades

1/1976 - 12/1978
Ensino, Geografia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia Política
1/1975 - 12/1975
Ensino, Ciência Política, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ciência Política, Programa de Mestrado em Planejamento Urbano e Regional da COPPE/UFRJ

Fundação Getúlio Vargas, FGV, Brasil.
Vínculo institucional

1975 - 1978
Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: PROFESSOR, Carga horária: 0

Atividades

1/1975 - 1/1978
Ensino, Ciência Política, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ciência Política


Linhas de pesquisa


1.
Política e Sociedade
2.
Economia Política Internacional
3.
Organização industrial
4.
Estado e interesses empresariais


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
INSTITUTO NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA PARA ESTUDOS SOBRE OS ESTADOS UNIDOS INCT-INEEU
Descrição: O Instituto Nacional para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEEU) está voltado precipuamente à análise das relações exteriores do Estado norte-americano e dos aspectos políticos sociais e econômicos da sociedade norte-americana relevantes para a compreensão de sua inserção no sistema mundial. Dada a importância dos laços que ligam historicamente as duas sociedades, o INCT-INEEU dedica atenção particular às relações entre o Brasil e os Estados Unidos. Como os Estados Unidos há muito definem seus interesses em perspectiva global e desde a Segunda Guerra os perseguem de forma consequente nesse âmbito, o trabalho do Instituto envolve a consideração dos regimes internacionais e dos contextos regionais em que se exerce a ação daquele Estado. Para isso, o INCT-INEU se empenha também no estudo de diferentes instituições e processos internos (econômicos, socioculturais e políticos), selecionados de acordo com sua relevância para o entendimento da política exterior dos EUA. Nesse sentido, o trabalho de investigação organiza-se em 4 Grandes Áreas Temáticas: 1) Política Exterior dos Estados Unidos, com duas sudivisões: Política Econômica Internacional e Grande Estratégia e Política de Segurança; 2) Instituições, Processos e Políticas Governamentais nos EUA, sudividida em: Direito e Política nos EUA e Instituições Norte-Americanas e Governança Econômica Internacional ; 3) Integração e Crise na América do Sul e a Política dos Estados Unidos para a Região; 4) Brasil e Estados Unidos: Desafios e Oportunidades de uma Relação complexa. Comprometido com a produção de conhecimento qualificado sobre esse vasto conjunto de temas, o INCT-INEU esforça-se para garantir a plena utilização desses conhecimentos na formação de pessoal qualificado e na mais ampla difusão dos mesmos na sociedade brasileira. Em diferentes graus, objetiva-se nesses dois níveis habilitar os públicos-alvo do Instituto a decifrar diferentes aspectos da política externa dos EUA, em suas diferentes esferas, e a avaliar o significado de eventos particulares e de processos em curso do ponto de vista de seus efeitos sobre o papel desse país no sistema internacional e de suas implicações para o Brasil. Em outro plano, o INCT-INEU busca contribuir com os formuladores da política externa brasileira, com o monitoramento sistemático de aspectos relevantes no processo de elaboração e implementação da política exterior da superpotência..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Linhas Cruzadas. Sobre as relações entre os EUA e a Alemanha Editora da UNESP
Descrição: Coletânea de ensaios sobre temas principais: as relações entre a Alemanha e os Estados Unidos, em perspectiva histórica longa (do século XVIII até o pós-guerra); a política externa da Alemanha depois da Guerra Fria e os desafios criados para ela pela crise da Ucrânia; o regime de proteção e as relações interamericanas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - Atual
OBSERVATÓRIO POLÍTICO DOS ESTADOS UNIDOS (OPEU)
Descrição: O Observatório Político dos Estados Unidos (OPEU) é um portal de acesso eletrônico (www.opeu.org.br) voltado para o acompanhamento de formulação de políticas dos Estados Unidos. Desenvolvido a partir de iniciativa do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estudos Unidos (INCT-Ineu), visa catalogar, armazenar, analisar e difundir temas de política doméstica e externa dos Estados Unidos. O OPEU pretende criar um banco de dados referente aos Estados Unidos e boletins periódicos sobre fatos relevantes a partir de coleta e processamento da informação. O trabalho é realizado por pesquisadores acadêmicos através do acompanhamento sistemático de eventos em diversos canais de informação, institutos de análises políticas, e nas esferas governamentais. Para estender o alcance de suas atividades, o OPEU recebe contribuições de especialistas sob a forma de textos analíticos publicados eletronicamente. Por meio deste instrumento de observação, é esperado que o conhecimento especializado sobre esse país possa ser difundido amplamente em diversos setores da sociedade brasileira. O Observatório vem divulgando três tipos de publicações, acessíveis em sua página: os Informes OPEU, os Estudos e Análises de Conjuntura e o Panorama EUA. Os ?Informes? contêm resumos dos principais fatos da política doméstica e internacional dos Estados Unidos e são publicados a cada 15 dias. Os ?Estudos e Análises? são publicações elaboradas por convidados do OPEU, sem periodicidade definida, sobre temas relevantes da política doméstica e internacional daquele país. O ?Panorama EUA? apresenta temas que se destacaram no acompanhamento daquele país, feito por nossos pesquisadores. Com periodicidade bimestral, o produto amplia e organiza as informações coletadas diariamente, procurando trazer para o usuário uma cobertura mais ampla de eventos específicos da política doméstica e externa dos Estados Unidos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (8) .
Integrantes: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz - Coordenador / Solange Reis Ferreira - Integrante / Geraldo Nagib Zahran Filho - Integrante / Camilla Monteiro Araújo - Integrante / Carla de Lello Lorenzi - Integrante / Fernanda Fagundes Perrin - Integrante / Lívia Prado Martins - Integrante / Pedro Labriola - Integrante / Rebecca Esther Alves Oliveira - Integrante / Ana Carolina de Ângelo Camargo - Integrante / Tainá Dias Vicente - Integrante / Leandro Almeida Lima - Integrante / Natália Murgel - Integrante / Victor Oliveira Tibau - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 31 / Número de orientações: 9
2008 - 2016
INSTITUTO NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA PARA ESTUDOS SOBRE OS ESTADOS UNIDOS (INEU)
Descrição: O Instituto Nacional para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU) está voltado precipuamente à análise das relações exteriores do Estado norte-americano. Como os Estados Unidos há muito definem seus interesses em perspectiva global e desde a Segunda Guerra os perseguem de forma consequente nesse âmbito, o trabalho do Instituto envolve a consideração dos regimes internacionais e dos contextos regionais em que se exerce a ação daquele Estado. Para isso, o INCT-INEU se empenha também no estudo de diferentes instituições e processos internos (econômicos, socioculturais e políticos), selecionados de acordo com sua relevância para o entendimento da política exterior dos EUA. Nesse sentido, o trabalho de investigação organiza-se em 4 grandes áreas temáticas: 1) Política Econômica Internacional dos Estados Unidos; 2) Grande Estratégia e Política de Segurança dos Estados Unidos; 3) O Papel dos Estados Unidos nas Estruturas de Governança Global, e 4) Integração e Crise na América do Sul e a Política dos Estados Unidos para a Região. Comprometido com a produção de conhecimento qualificado sobre esse vasto conjunto de temas, o INCT-INEU esforça-se para garantir a plena utilização desses conhecimentos na formação de pessoal qualificado e na mais ampla difusão dos mesmos na sociedade brasileira. Em diferentes graus, objetiva-se nesses dois níveis habilitar os públicos-alvo do Instituto a decifrar diferentes aspectos da política externa dos EUA, em suas diferentes esferas, e a avaliar o significado de eventos particulares e de processos em curso do ponto de vista de seus efeitos sobre o papel desse país no sistema internacional e de suas implicações para o Brasil. Em outro plano, o INCT-INEU busca contribuir com os formuladores da política externa brasileira, com o monitoramento sistemático de aspectos relevantes no processo de elaboração e implementação da política exterior da superpotência..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (4) Doutorado: (7) .
Integrantes: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz - Integrante / Jaime Cesar Coelho - Integrante / Reginaldo Carmello Correa de Moraes - Integrante / Tullo Vigevani - Coordenador / Gabriel Cepaluni - Integrante / Luiza Carnicero de Castro - Integrante / Thiago Lima da Silva - Integrante / Ricardo Alaggio Ribeiro - Integrante / Karen Fernandez Costa - Integrante / Edna Aparecida da Silva - Integrante / Marcelo Santos - Integrante / Glauco Manuel dos Santos - Integrante / Filipe Almeida Mendonça - Integrante / Igor Fuser - Integrante / Thiago Lima - Integrante / Andrei Koerner - Integrante / Luís Fernando Ayerbe - Integrante / Flavia de Campos Mello - Integrante / Reginaldo Mattar Nasser - Integrante / Glenda Mezarobba - Integrante / Henrique Zeferino de Menezes - Integrante / Solange Reis Ferreira - Integrante / Helton Ricardo Ouriques - Integrante / Pedro Antonio Vieira - Integrante / Valdir Alvim da Silva - Integrante / Cristina Carvalho Pacheco - Integrante / Felipe de Souza Bueno - Integrante / Hermes Moreira Jr. - Integrante / Matheus de Carvalho Hernandez - Integrante / Daniela Sanches Moreira - Integrante / Letícia Ferreira da Silva Donato - Integrante / Tarciso Vieira Mendes - Integrante / Frederico Souza de Queiroz Assis - Integrante / Débora Figueiredo Bueno do Prado - Integrante / Luara Mayer da Silveira - Integrante / Thiago Espíndola Lira - Integrante / Valmir Herbert Barbosa Gomes - Integrante / Lucia Maria Setubal de Moraes - Integrante / Roberta Browne - Integrante / Tamires Sena da Silva - Integrante / Amanda Nogueira Caridad - Integrante / Eduardo Henrique Annize Liron - Integrante / Patrícia Fonseca Ferreira Arienti - Integrante / Fabrício Padilha Pereira da Silva - Integrante / Hérica Gabriela Rodrigues de Araújo - Integrante / Diego Khouri Mota - Integrante / Raissa Coan Ribeiro - Integrante / Celso Ricardo Roma - Integrante / Geraldo Nagib Zahran Filho - Integrante / Camilla Monteiro Araújo - Integrante / Carla de Lello Lorenzi - Integrante / Fernanda Fagundes Perrin - Integrante / Lívia Prado Martins - Integrante / Pedro Labriola - Integrante / Rebecca Esther Alves Oliveira - Integrante / Ana Carolina de Ângelo Camargo - Integrante / Aline Kame NAKAIMA - Integrante / Denise Barbosa Alves de Souza - Integrante / Janaína Maureen Kutzner - Integrante / Luan Vieira - Integrante / Luciana Toni Raele - Integrante / Yunkler Phillip Mário Costa - Integrante / Maite Garcia Alava - Integrante / Marrielle Maia Alves Ferreira - Integrante.Financiador(es): Centro de Estudos de Cultura Contemporânea - Cooperação / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - Cooperação / Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Cooperação / Universidade Estadual da Paraíba - Cooperação / Universidade Estadual de Campinas - Cooperação / Universidade Federal da Paraíba - Cooperação / Universidade Federal de Uberlândia - Cooperação / Universidade Federal do Piauí - Cooperação / Universidade Federal de Santa Catarina - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 41 / Número de orientações: 9
2007 - Atual
Estados Unidos: impactos de suas políticas para a reconfiguração do sistema internacional
Descrição: O objetivo do projeto é contribuir para a inteligência dos processos de mudança no sistema internacional e para a formulação da política externa brasileira através do exame acurado da ação do Estado norte-americano, com ênfase em três de suas dimensões: a) o processo de formulação e implementação de sua política econômica internacional e de segurança; b) o papel dos EUA nas estruturas de governança global, e c) os objetivos que ela persegue e a maneira como reage às injunções criadas pelas realidades políticas emergentes na América do Sul. Ele se subdivide em três grandes linhas de investigação inter-relacionadas: Linha 1. Da Política Econômica Internacional e da Política de Segurança dos Estados Unidos, que compreende três subprojetos: 1.1. Formulação e execução da política comercial no pós-Guerra Fria; 1.2. Reforma financeira internacional e política externa estadunidense; 1.3. Segurança regional e percepções de conflito ? Indicadores de avaliação do interesse estratégico da América Latina para os Estados Unidos; Linha 2. O Papel dos Estados Unidos nas Estruturas de Governança Global; Linha 3. Realidades Políticas Emergentes na América do Sul e a (Des)Integração Regional. No âmbito da Linha 1 acima, coordenador do projeto "Do GATT à OMC. Regulação econômica internacional e os países da periferia. Uma análise política". Tomando como ponto de partida as tensões reveladas no período de pré-negociação e nas negociações em curso na rodada Doha, o objetivo geral do projeto é o de analisar a constituição e as mudanças no sistema multilateral de comércio, ressaltando a atuação dos Estados Unidos e dos países em desenvolvimento, .com vistas à formulação de um quadro interpretativo sobre os desafios ora enfrentados pela OMC. Apoiando-se na história do direito comercial para refletir sobre o papel contraditório deste organismo na criação das bases institucionais de uma economia globalizada, o projeto localiza na tensão entre a demanda de regras econômicas universais e a rea.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (7) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz - Integrante / Jaime Cesar Coelho - Integrante / Marcelo Passini Mariano - Integrante / Reginaldo Carmello Correa de Moraes - Integrante / Tullo Vigevani - Coordenador / Gabriel Cepaluni - Integrante / Edna Aparecida da Silva - Integrante / Marcelo Santos - Integrante / Glauco Manuel dos Santos - Integrante / Neusa Maria Pereira Bojikian - Integrante / Filipe Almeida Mendonça - Integrante / Rodrigo Obici Lambert - Integrante / Haroldo Ramanzini Júnior - Integrante / Igor Fuser - Integrante / Andrei Koerner - Integrante / Shiguenoli Miyamoto - Integrante / Flavia de Campos Mello - Integrante / Reginaldo Mattar Nasser - Integrante / Armando Gallo Yahn Filho - Integrante / Beatriz Junqueira - Integrante / Fernando Castanheira - Integrante / Glenda Mezarobba - Integrante / Henrique Zeferino de Menezes - Integrante / Janaína Marques Storti - Integrante / Juciléia Lima - Integrante / Leonardo A. de Carvalho - Integrante / Marcia Baratto - Integrante / Marcos Alan Fagner dos Santos Ferreira - Integrante / Alessandro Shimabukuro - Integrante / Ana Paula da Rocha-Lima Bentes - Integrante / André Henrique - Integrante / Ariel Finguerut - Integrante / Bernardo Wahl Gonçalves de Araújo Jorge - Integrante / Fábio Borges - Integrante / Paulo Pereira - Integrante / Bruno de Lorenzi C. Mazzucco - Integrante / Felipe Camargo Gaiotto - Integrante / Lucas Rodrigues - Integrante / Yan Daniel Bey - Integrante / Flávia Rodrigues Prates Cescon - Integrante / Isabela Cristina de Faria - Integrante / Luiza Victória Pessoa de Oliveira - Integrante / Sara Tobias Albuquerque Lima - Integrante / Flávio Contrera - Integrante / Lílian Ribeiro de Lima - Integrante / Ana Cecília da Costa Silva - Integrante / Assilio Luiz Zanella de Araujo - Integrante / Livia Yuri de Queiroz Enomoto - Integrante / Luis Felipe Sposito de Souza - Integrante / Kelly de Souza Ferreira - Integrante / Gustavo Gerlach da Silva Ziemath - Integrante / Vinicius Aguiar Alves de Camargo - Integrante / Barbara Dantas Mendes - Integrante / Ana Cláudia Diegues - Integrante / Raissa Coan Ribeiro - Integrante / Rebecca Gialluca Raia - Integrante / Ricardo Gustavo Garcia de Mello - Integrante / Maite Garcia Alava - Integrante / Rafaela Souza dos Santos - Integrante / Thaly Wainberg - Integrante.Financiador(es): Centro de Estudos de Cultura Contemporânea - Cooperação / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - Cooperação / Universidade Estadual de Campinas - Cooperação / Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Cooperação / Universidade Federal de Santa Catarina - Cooperação / Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 25 / Número de orientações: 11
2001 - 2007
Reestruturação econômica mundial e reformas liberalizantes nos países em desenvolvimento
Descrição: A pesquisa visa estudar as transformações que vêm ocorrendo nos sistemas econômicos internacional e nacionais. Com esse objetivo, busca-se analisar: 1) as razões da adesão quase universal à retórica do liberalismo econômico; 2) as diferenças entre os casos nacionais; 3) de que forma tais mudanças se relacionam com as transformações políticas vividas pelos países considerados; 4) os principais pontos de tensão, as tendências dominantes e os cenários mais previsíveis para cada país. Assim, serão estudados o sistema financeiro internacional, os organismos internacionais ? particularmente o GATT e a OMC ?, a política econômica externa dos Estados Unidos, os conflitos de princípios e as reformas econômicas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (7) / Doutorado: (7) .
Integrantes: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz - Coordenador / José Marcos Nayme Novelli - Integrante / Jaime Cesar Coelho - Integrante / Eduardo Kugelmas - Integrante / Marcelo Fernandes de Oliveira - Integrante / Marcelo Passini Mariano - Integrante / Reginaldo Carmello Correa de Moraes - Integrante / Tullo Vigevani - Integrante / Ana Maria Stuart - Integrante / Ary Cesar Minella - Integrante / Bráulio Santiago Cerqueira - Integrante / Fernanda de Tavares Canto - Integrante / Pedro Paulo Zahluth Bastos - Integrante / Gabriel Cepaluni - Integrante / Luís Fernando Vitagliano - Integrante / Luiza Carnicero de Castro - Integrante / Thiago Carvalho Pelucio Silva - Integrante / Thiago Lima da Silva - Integrante / Ricardo Alaggio Ribeiro - Integrante / Karen Fernandez Costa - Integrante / Olegário Franco dos Santos Neto - Integrante / Feliciano de Sá Guimarães - Integrante / Alessandro André Leme - Integrante / Edna Aparecida da Silva - Integrante / Glauco Manuel dos Santos - Integrante / Isabella Jinkings Mello - Integrante / Neusa Maria Pereira Bojikian - Integrante / Filipe Almeida Mendonça - Integrante / Krishna Monteiro - Integrante / Rodrigo Obici Lambert - Integrante / Cristiane Sanches de Souza Corrêa - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Centro de Estudos de Cultura Contemporânea (Cedec) - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 39 / Número de orientações: 4
1990 - 1991
Política industrial e transição política no Brasil
Descrição: Análise do processo de formulação e das tentativas, quase todas frustradas, de implementar propostas abrangentes de política industrial durante o período 1984-1990. Combinando determinações internas e externas, políticas e econômicas, o projeto desemboca em uma interpretação integrada, na qual a agenda liberalizante dos anos 1990 aparece como resultado contingente de uma história de lutas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2005 - 2009
Periódico: Contexto Internacional (PUCRJ. Impresso)
2003 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Ciências Sociais (Impresso)
2002 - Atual
Periódico: Lua Nova (Impresso)


Revisor de periódico


2002 - Atual
Periódico: Dados (Rio de Janeiro)
2003 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Ciências Sociais
2005 - Atual
Periódico: Contexto Internacional
2006 - Atual
Periódico: Foro Internacional
2008 - Atual
Periódico: Latin American Politics and Society
2006 - Atual
Periódico: Cena Internacional (UnB)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Estado e Governo.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Comportamento Político.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional/Especialidade: Economia Política Internacional.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional/Especialidade: Política Externa do Brasil.
6.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional/Especialidade: RELAÇÕES INTERNACIONAIS.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Alemão
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2015
Prêmio Capes de tese pela orientação da bolsa de doutorado de Thiago Lima da Silva, contemplado como autor do melhor trabalho em Ciência Política, Capes.
2008
Prêmio ?Melhor Obra em Ciências Sociais?, Anpocs.
1996
Prêmio Jabuti pela obra Empresariado e Estado na transição brasileira. Um estudo sobre a economia política do autoritarismo, Bienal do Livro de São Paulo.
1987
Tese de Doctorat d?État aprovada com menção Très Honorable, Institut d?Études Politiques de Paris.
1980
Bolsa pós-doutoral para a pesquisa "Transição de regime autoritário e empresariado. O caso brasileiro: 1974-1981", Social Science Research Council.
1974
Bolsa de Excelência IUPERJ, conferida ao melhor aluno da turma de 1972 do Programa de Mestrado em Ciência Política e Sociologia, IUPERJ.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CRUZ, S. C. V.2017CRUZ, S. C. V.. A Presença da Tradição. O Populismo nos Estados Unidos. Estudos e Análises de Conjuntura, v. 13, p. 1-13, 2017.

2.
CRUZ, S. C. V.2014CRUZ, S. C. V.. A rodada Uruguai do GATT. Esboço de uma análise política.. Caderno CEDEC, v. 117, p. 1-55, 2014.

3.
CRUZ, S. C. V.2013CRUZ, S. C. V.. Crise e quase crises. Reflexões sobre a sociologia das crises políticas, de Michel Dobry, a partir da experiência histórica brasileira. Caderno CEDEC, v. 116, p. 1, 2013.

4.
CRUZ, S. C. V.2013CRUZ, S. C. V.. Ser ou Não Ser? Ucrânia, Rússia e os dilemas da Política Externa Alemã. Carta Internacional (USP), v. 8, p. 1, 2013.

5.
28CRUZ, S. C. V.2012CRUZ, S. C. V.. O segredo de combinar continuidade e mudança. Revista FAAC, v. 1, p. 135-140, 2012.

6.
3CRUZ, S. C. V.2012CRUZ, S. C. V.. Notas sobre o paradoxo dos direitos humanos e as relações hemisféricas. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, v. 86, p. 17-50, 2012.

7.
16CRUZ, S. C. V.2012CRUZ, S. C. V.. Um Novo Jogo. O longo caminho rumo à Rodada Uruguai do GATT. Caderno CEDEC, v. 109, p. 1-40, 2012.

8.
14CRUZ, S. C. V.2010CRUZ, S. C. V.. 2010. A política externa e a sucessão. Análise de Conjuntura OPSA, v. 4, p. 3, 2010.

9.
26CRUZ, S. C. V.2009CRUZ, S. C. V.. Um exercício temerário: reflexões sobre as consequências da crise econômica global na América Latina e Caribe. Pensamiento Propio, v. 14, p. 25-36, 2009.

10.
CRUZ, S. C. V.2009CRUZ, S. C. V.. 1945-1984: ordem (e desordem) econômica internacional e nova estratégia comercial dos Estados Unidos. Caderno CEDEC, v. 82, p. 1-62, 2009.

11.
23CRUZ, S. C. V.2008CRUZ, S. C. V.; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de . A construção retomada. Desafios políticos e perspectivas internacionais para o Brasil. Nueva Sociedad, v. 2, p. 4-21, 2008.

12.
9CRUZ, S. C. V.2006CRUZ, S. C. V.; SENNES, R. . O Brasil no mundo: conjecturas e cenários. Estudos Avançados, v. 20, p. 29-42, 2006.

13.
1CRUZ, S. C. V.2005CRUZ, S. C. V.. Estado e mercado: a OMC e a constituição (incerta) de uma ordem econômica global. REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS SOCIAIS (IMPRESSO), São Paulo, v. 57, p. 83-108, 2005.

14.
25CRUZ, S. C. V.2005CRUZ, S. C. V.. As peripécias do número quatro na política brasileira. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, v. 64, p. 39-45, 2005.

15.
17CRUZ, S. C. V.2005CRUZ, S. C. V.. Reformas econômicas na Índia: discurso e processo. Economia Política Internacional, v. 7, p. 32-43, 2005.

16.
CRUZ, S. C. V.2005CRUZ, S. C. V.. Comércio internacional em um mundo partido: o regime do GATT e os países em desenvolvimento. Caderno CEDEC, v. 77, p. 1-37, 2005.

17.
7CRUZ, S. C. V.2003CRUZ, S. C. V.. Teoria e história: notas críticas sobre o tema da mudança institucional em Douglas North. Revista da Sociedade Brasileira de Economia Politica, v. 23, n.2, p. 106-122, 2003.

18.
5CRUZ, S. C. V.2003CRUZ, S. C. V.. Entre normas e fatos: desafios e dilemas da ordem internacional.. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 58, n.58, p. 169-191, 2003.

19.
19CRUZ, S. C. V.2003CRUZ, S. C. V.. A política externa do governo Lula. TD. Teoria e Debate, v. 55, p. 52-57, 2003.

20.
6CRUZ, S. C. V.2001CRUZ, S. C. V.. Opções estratégicas. O papel do Brasil no sistema internacional. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, v. 53, n.1, p. 135-158, 2001.

21.
20CRUZ, S. C. V.2001CRUZ, S. C. V.. Crafting coalitions for reform. Business preferences, political institutions and neoliberal reform in Brazil, de Peter R. Kingstone. Estudios Interdisciplinarios de America Latina y el Caribe, v. 12, p. 1x, 2001.

22.
4CRUZ, S. C. V.2000CRUZ, S. C. V.. Um outro olhar: sobre a análise neogramsciana das organizações internacionais. Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 15, n.42, p. 7-21, 2000.

23.
30CRUZ, S. C. V.2000CRUZ, S. C. V.. Brasil: aspectos políticos da crise econômica. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 49, p. 5-21, 2000.

24.
22CRUZ, S. C. V.2000CRUZ, S. C. V.. Teoria e método na análise de conjuntura. Educação e Sociedade, Campinas, v. 72, p. 145-152, 2000.

25.
24CRUZ, S. C. V.1999CRUZ, S. C. V.. Idéias do poder: dependência e globalização em F. H. Cardoso. Estudos Avançados, São Paulo, v. 37, p. 225-247, 1999.

26.
2CRUZ, S. C. V.1998CRUZ, S. C. V.. Alguns argumentos sobre reformas para o mercado. Lua Nova. Revista de Cultura e Política, São Paulo, v. 45, p. 5-28, 1998.

27.
15CRUZ, S. C. V.1997CRUZ, S. C. V.. Passado e presente: a crise de ontem e nossas escolhas atuais. Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 12, n.35, p. 149-153, 1997.

28.
29CRUZ, S. C. V.1996CRUZ, S. C. V.. Elites nacionais, elites mundiais. Revista Ensaios FEE, v. 17, n.2, p. 44-49, 1996.

29.
18CRUZ, S. C. V.1994CRUZ, S. C. V.. 1968: movimento estudantil e crise na política brasileira. Revista de Sociologia e Política, v. 2, p. 37-55, 1994.

30.
27CRUZ, S. C. V.1993CRUZ, S. C. V.. Empresários e Estado: o caso brasileiro. DAVID & GOLIAH, v. 21, n.59, p. 20-26, 1993.

31.
21CRUZ, S. C. V.1984CRUZ, S. C. V.. Classe e conflito em Dahrendorf: um comentário. REVISTA BRASILEIRA DE ADMINISTRACAO DE EMPRESAS, v. 1, p. 1x, 1984.

32.
8CRUZ, S. C. V.1983CRUZ, S. C. V.. Brésil: le régime et les dilemmes de la succession présidentielle. Problemes d'Amerique Latine, v. 12, p. 127-144, 1983.

33.
13CRUZ, S. C. V.1980CRUZ, S. C. V.. Estado e planejamento no Brasil ? 1974-1976 (notas sobre um trabalho de Carlos Lessa). ESTUDOS CEBRAP, v. 27, p. 104-126, 1980.

34.
10CRUZ, S. C. V.1978CRUZ, S. C. V.. Interesses de classe e organização estatal: o caso do Consplan. Dados (Rio de Janeiro), v. 18, p. 1, 1978.

35.
12CRUZ, S. C. V.1977CRUZ, S. C. V.. Ciência e democracia: notas sobre Jürgen Habermas. Cultura Vozes, v. 2, p. 5-16, 1977.

36.
11CRUZ, S. C. V.1977CRUZ, S. C. V.. Estado, sindicatos e instabilidade política - Argentina, 1955-1970. Dados (Rio de Janeiro), v. 15, p. 1x, 1977.

37.
31CRUZ, S. C. V.1971CRUZ, S. C. V.. Sobre o conceito de classes sociais. Cultura Vozes, v. 7, p. 1x, 1971.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
CRUZ, S. C. V.. Estados e Mercados. Os Estados Unidos e o sistema multilateral de comércio. 1. ed. São Paulo: Editora Unesp, 2017. v. 1. 317p .

2.
CRUZ, S. C. V.. Linhas Cruzadas. Sobre as relações entre os Estados Unidos e a Alemanha. 1a.. ed. São Paulo: Editora Unesp, 2016. v. 1. 116p .

3.
CRUZ, S. C. V.; CRUZ, A. K. V. E. (Org.) ; CODA, G. (Org.) . Direita, volver! O retorno da direita e o ciclo político brasileiro. 1. ed. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2015. v. 1. 304p .

4.
CRUZ, S. C. V.. Os Estados Unidos no Desconcerto do Mundo. Ensaios de Interpretação. 1. ed. Sao Paulo: Editora da UNESP, 2012. v. 1. 180p .

5.
CRUZ, S. C. V.. O Brasil no mundo: ensaios de análise política e prospectiva. 1ª. ed. São Paulo: Editora UNESP: Programa San Tiago de Pós-Graduação em Relações Internacionais Unesp, Unicamp e PUC, 2010. 178p .

6.
CRUZ, S. C. V.. Trajetórias: capitalismo neoliberal e reformas econômicas nos países da periferia. São Paulo: Editora UNESP/Programa San Tiago Dantas (PPGRI), 2007. v. 1. 456p .

7.
CRUZ, S. C. V.. Globalização, democracia e ordem internacional. Ensaios de teoria e história. Campinas/São Paulo: Editora da Unicamp/Editora UNESP, 2004. 294p .

8.
CRUZ, S. C. V.. Estado e economia em tempo de crise. Política industrial e transição política no Brasil nos anos 80. Campinas: Editora da Unicamp, 1997.

9.
CRUZ, S. C. V.. O presente como história. Economia e política no Brasil pós-64. Campinas: Editora da Unicamp, 1997. 416p .

10.
CRUZ, S. C. V.. Empresariado e estado na transição brasileira. Um estudo sobre a economia política do autoritarismo (1974-1977). Campinas: Editora da Unicamp, 1995. 300p .

Capítulos de livros publicados
1.
CRUZ, S. C. V.. O governo Trump e as relações internacionais. Os Impactos da Eleição de Trump para a América Latina e o Brasil. 1ed.São Paulo: , 2017, v. , p. 10-13.

2.
CRUZ, S. C. V.; CRUZ, A. K. V. E. ; CODA, G. . Elementos de reflexão sobre o tema da direita (e esquerda) a partir do Brasil no momento atual. In: Sebastião Carlos Velasco e Cruz; André Kaysel Velasco e Cruz; Gustavo Coda. (Org.). Direita, volver! O retorno da direita e o ciclo político brasileiro. 1ed.São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2015, v. 1, p. 7-297.

3.
CRUZ, S. C. V.. O Império (da alta finança) contra-ataca. In: Joaquim Ernesto Palhares. (Org.). A Internacional do Capital Financeiro. 1ed.São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2014, v. 1, p. 7-113.

4.
CRUZ, S. C. V.; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de . States and Nation in Brazil: old questions, new challenges. In: MOYO, Sam; YEROS, Paris. (Org.). Reclaiming the Nation: the return of the national question in Africa, Asia and Latin America. Londres: Pluto Press, 2011, v. , p. -.

5.
CRUZ, S. C. V.. Reflexões sobre as Ciências Sociais em um mundo em transformação: um ponto de vista brasileiro. In: RIBEIRO, Gustavo Lins; FERNANDES, Ana Maria; MARTINS, Carlos Benedito; TRAJANO FILHO, Wilson. (Org.). As Ciências Sociais no mundo contemporâneo: revisões e prospecções. 1ªed.Brasília: LetrasLivres: Editora UnB, 2011, v. , p. 47-65.

6.
CRUZ, S. C. V.; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de . Estado e Nação no Brasil: velhas questões, novos desafios. In: VELASCO E CRUZ, Sebastião C.. (Org.). O Brasil no mundo: ensaios de análise política e prospectiva. 1ed.São Paulo: Editora Unesp, 2010, v. , p. 147-167.

7.
CRUZ, S. C. V.. Instituições e desenvolvimento no contexto global: experiências contrastantes de reformas econômicas da década de 1990 e respostas à crise mundial de 2008. In: PINTO, Eduardo Costa; CARDOSO Jr., José Celso; LINHARES, Paulo de Tarso. (Org.). Estado, instituições e democracia: desenvolvimento. 1ªed.Brasília: IPEA, 2010, v. , p. 55-86.

8.
CRUZ, S. C. V.. Evolução geopolítica: cenários e perspectivas. In: ACIOLY, Luciana; CINTRA, Marcos Antonio M.. (Org.). Inserção internacional brasileira: temas de política externa. 1ªed.Brasília: IPEA, 2010, v. , p. 23-84.

9.
CRUZ, S. C. V.; MENDONCA, F. A. . O campo das relações internacionais no Brasil. Situação, desafios, possibilidades. In: LESSA, Renato. (Org.). Ciência Política. 1ªed.São Paulo: Anpocs/Barcarolla/Discurso Editorial, 2010, v. , p. -.

10.
CRUZ, S. C. V.. Reformas econômicas na Índia: discurso e processo. In: SEREINE, Ana Beatriz Martins dos Santos; SANTOS JUNIOR, Raimundo Batista; MIYAMOTO, Shiguenoli. (Org.). Estado, desenvolvimento e políticas públicas. Ijuí/Teresina: Editora Unijuí/Ed. Universitária da UFPI, 2008, v. , p. 25-48.

11.
CRUZ, S. C. V.; STUART, Ana Maria . Futures alternatives: Les élections présidentielles et la politique extérieur du Brésil. In: DABENE, Olivier. (Org.). L?Amérique Latine aux urnes. Paris: Presses de la Fondation des Sciences Politiques, 2007, v. , p. -.

12.
CRUZ, S. C. V.. Organizações internacionais e reformas neoliberais: reflexões a partir do tema da propriedade intelectual. In: Paulo Luiz Esteves. (Org.). Instituições internacionais: comércio, segurança e integração. Belo Horizonte: PUCMinas, 2003, v. , p. 353-375.

13.
CRUZ, S. C. V.; STUART, Ana Maria . Cambiando el rumbo: la política exterior del gobierno de Lula. In: Carlos Chacho. (Org.). La Argentina de Kirchner y el Brasil de Lula. Buenos Aires: CEPES/Cedec/Prometeo Libros, 2003, v. , p. 117-132.

14.
CRUZ, S. C. V.. Significados da conjuntura de 1968. In: GARCIA, Marco Aurélio; VIEIRA, Maria Alice. (Org.). Rebeldes e contestadores - 1968. Brasil, França e Alemanha. São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 1999, v. , p. -.

15.
CRUZ, S. C. V.. A política industrial e a transição no Brasil: elementos para uma interpretação. In: MOURA, Alexandrina Sobreira de. (Org.). O Estado e as políticas públicas na transição democrática. São Paulo/Recife: Vértice/Fundação Joaquim Nabuco, 1989, v. , p. -.

16.
CRUZ, S. C. V.. Empresários, economistas e perspectivas da democratização no Brasil. In: O'DONNELL, G.; REIS, F. W.. (Org.). A democracia no Brasil: dilemas e perspectivas. São Paulo: Vértice, 1988, v. , p. 256-281.

17.
CRUZ, S. C. V.. Doce anos después. El antiestatismo en el discurso del empresariado brasileño. In: Garrido, C.. (Org.). Empresarios y Estado en América Latina. México: Clacso/UNAM/Fundación Friedrich Ebert, 1988, v. , p. 287-306.

18.
CRUZ, S. C. V.. De Castello a Figueiredo: una visión histórica de la apertura. In: CHERESKY, I; CHONCHOL, J. (Org.). Crisis y Transformaciones de los Regímenes Autoritários. Buenos Aires: EUDEBA, 1985, v. , p. -.

19.
CRUZ, S. C. V.; MARTINS, C. E. . De Castello a Figueiredo: uma incursão na pré-história da abertura. In: SORJ, B.; ALMEIDA, M. Hermínia T. de. (Org.). Sociedade e política no Brasil pós-64. São Paulo: Brasiliense, 1983, v. , p. -.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
CRUZ, S. C. V.. 13 X 13. A Tragédia e a Farsa. Carta Maior, São Paulo, 13 dez. 2016.

2.
CRUZ, S. C. V.. Ordem ou Desordem? Os EUA, a Rússia e o Contexto Político Internacional da Crise Brasileira. Carta Maior, São Paulo, 20 set. 2016.

3.
CRUZ, S. C. V.. A Luta Só Termina Quando Expira a Vontade de Lutar. Carta Maior, São Paulo, 12 maio 2016.

4.
CRUZ, S. C. V.. O Golpe do Impchment. Carta Marior, São Paulo, 29 mar. 2016.

5.
KOERNER, A. ; CRUZ, S. C. V. . Teratologias Jurídicas e Crise da Democracia Brasileira. Carta Maior, São Paulo, 29 mar. 2016.

6.
CRUZ, S. C. V.. A Palavra do Bandido e o Sequestro do Voto. Carta Maior, São Paulo, 24 mar. 2015.

7.
CRUZ, S. C. V.. Autonomia Estratégica: Rússia, Índia, Estados Unidos... e nós?. Carta Maior, São Paulo, 18 dez. 2014.

8.
CRUZ, S. C. V.. Política externa. O que está em jogo na eleição. Carta Capital, 02 out. 2014.

9.
CRUZ, S. C. V.. Política Externa: o que está em jogo na eleição?. Carta Capital, 02 out. 2014.

10.
CRUZ, S. C. V.. A Dupla Moral e a Política Externa Tucana. Brasil Debate, 27 jul. 2014.

11.
CRUZ, S. C. V.. Sinais Trocados. A Chapa Campos-Marina e a Política Externa Brasileira. Carta Capital, 21 maio 2014.

12.
CRUZ, S. C. V.. Eles Querem Sangrar o Brasil. Carta Maior, 12 mar. 2012.

13.
CRUZ, S. C. V.. Le fonctionement du FMI n?est plus adapté à l?économie mondiale. Mediapart, Paris, 11 jun. 2011.

14.
CRUZ, S. C. V.. Obama no Brasil. Le Monde Diplomatique Brasil, São Paulo, p. 4 - 5, 05 mar. 2011.

15.
CRUZ, S. C. V.. Vitória de Dilma é garantia de estabilidade na América do Sul. Blog do Zé, 17 nov. 2010.

16.
CRUZ, S. C. V.. Entrevista ?Desejo de mudança elege Barack Obama presidente dos EUA?. Jornal da Unicamp, Campinas, 05 nov. 2008.

17.
CRUZ, S. C. V.. Os Roedores, o Incendiário e a Lava Jato. Carta Maior, 08 abr. 2005.

18.
CRUZ, S. C. V.. O Brasil e a dimensão geoestratégica na arena internacional. Jornal da Unicamp, Campinas, p. 13 - 13, 01 mar. 2004.

19.
CRUZ, S. C. V.. Globalização, neoliberalismo e o papel do Estado. Jornal da APASE, São Paulo, p. 14 - 16, 01 out. 1998.

20.
CRUZ, S. C. V.. Mudança social e pensamento político brasileiro. Última Hora, São Paulo, 01 set. 1976.

21.
CRUZ, S. C. V.. Os problemas da consolidação do regime e a instabilidade estrutural. Opinião, São Paulo, 01 jul. 1976.

22.
CRUZ, S. C. V.. Sindicalismo e Estado Militar (1955-1976). Opinião, São Paulo, 01 jun. 1976.

23.
CRUZ, S. C. V.. Críticos na Berlinda. A Política Externa da Oposição. O Brasil no Mundo, São Paulo.

24.
CRUZ, S. C. V.. As Eleições de 2014 e o Debate sobre a Política Externa. Brasil no Mundo, São Paulo.

25.
CRUZ, S. C. V.. As Eleições de 2014 e o Debate sobre a Política Externa. Brasil no Mundo, São Paulo.

26.
CRUZ, S. C. V.. A Sombra do Povo e a Insônia dos Grãfinos. Carta Maior.

27.
CRUZ, S. C. V.. O massacre do Compaj e o futuro do Brasil. Carta Maior.

28.
CRUZ, S. C. V.. Ordem ou Desordem? Onde estamos? Para onde vamos? Escolhas que não podemos evitar. Carta Maior.

29.
CRUZ, S. C. V.. A Trumplândia, o mundo e o Brasil dos golpistas. Carta Maior.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, S. C. V.. Gigante precavido: reflexões sobre as estratégias de desenvolvimento e a política externa do estado indiano. In: III Conferência Nacional de Política Externa e Política Internacional ?O Brasil no mundo que vem aí? ? III CNPEPI. Conferência Índia, 2008, Brasília. Textos Acadêmicos. III Conferência Nacional de Política Externa e Política Internacional ?O Brasil no mundo que vem aí? ? III CNPEPI. Conferência Índia. Brasília: Fundação Alexandre de Gusmão, 2008.

2.
CRUZ, S. C. V.. Between facts and law: security challenges and the dillemas of world governance at the dawn of the 21th century. In: Global Tensions and their Challenges to Governance of the International Community, 2003, Budapeste. Global Tensions and their Challenges to Governance of the International Community, 2003.

3.
CRUZ, S. C. V.. Strategic choices: on the role on Brazil in the changing international system. In: Convenção Internacional da International Political Studies Association, 2001, Hong Kong. Convenção Internacional da International Political Studies Association. Hong Kong, 2001.

4.
CRUZ, S. C. V.. Teoria e História. Notas críticas sobre o tema da mudança institucional em Douglas North. In: II Encontro da Sociedade Brasileira da Nova Economia Institucional, 2001, Campinas. Anais do II Encontro da Sociedade Brasileira da Nova Economia Institucional. Campinas, 2001.

5.
CRUZ, S. C. V.. O take-over na indústria brasileira. In: IX Encontro Nacional de Economia, 1981, Olinda. Anais do IX Encontro Nacional de Economia, 1981.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, S. C. V.; STUART, Ana Maria . Futuros alternativos. As eleições presidenciais e a política externa brasileira. In: 31º Encontro Anual de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais ? Anpocs, 2007, Caxambu. 31º Encontro Anual de Pós-Graduação e Pesquisa em Ciências Sociais ? Anpocs, 2007. v. 1. p. 1-8.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, S. C. V.. Reformas econômicas em países em desenvolvimento: visão panorâmica e seleção de casos. In: Seminário Internacional La Variedad Institucional en la Globalización, 2004, México. Seminário Internacional La Variedad Institucional en la Globalización. México: El Colegio de México, 2004.

2.
CRUZ, S. C. V.. Democracy and international order: reflections from the perspective of a large semi-peripheral country. In: Conference of the International Studies Association (ISA), 2002, New Orleans. Conference of the International Studies Association (ISA), 2002.

Apresentações de Trabalho
1.
CRUZ, S. C. V.. Notas sobre o paradoxo dos direitos humanos e as relações hemisféricas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
CRUZ, S. C. V.. Notas sobre o paradoxo dos direitos humanos e as relações hemisféricas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
CRUZ, S. C. V.. Um novo curso? As escolhas de Obama e a política mundial. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CRUZ, S. C. V.; VIGEVANI, Tullo . Apresentação do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-Ineu). 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
CRUZ, S. C. V.. Lo que constituye buena pesquisa? Perspectivas sobre la práctica de la pesquisa, la ética de pesquisa y padrones de verdad en pesquisa vistos del Norte y del Sur. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
CRUZ, S. C. V.. Reflexões sobre o tema da inserção internacional dos países de língua portuguesa. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
CRUZ, S. C. V.. A critical look on the neoliberal reforms in Latin America. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
CRUZ, S. C. V.. State and market: the WTO and the (uncertain) constitution of a global economy. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
CRUZ, S. C. V.; STUART, Ana Maria . Futuros alternativos. As eleições presidenciais e a política externa brasileira. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

10.
CRUZ, S. C. V.. A critical view on economic adjustment in Latin America. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
CRUZ, S. C. V.. Una mirada critica de los ajustes económicos implementados en América Latina. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
CRUZ, S. C. V.; STUART, Ana Maria . Futuros alternativos. As eleições presidenciais e a política externa brasileira. 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

13.
CRUZ, S. C. V.. Cambios sistémicos y trayectórias nacionales: reformas económicas en perspectiva comparada. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
CRUZ, S. C. V.. Um prisma ex-cêntrico: o campo das Relações Internacionais no Brasil e os desafios da época. 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

15.
CRUZ, S. C. V.. Um prisma ex-cêntrico: o campo das Relações Internacionais no Brasil e os desafios da época. 2005. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

16.
CRUZ, S. C. V.. Reformas econômicas em países em desenvolvimento: visão panorâmica e seleção de casos. 2004. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

17.
CRUZ, S. C. V.. Entre normas e fatos: novas ameaças à segurança e dilemas da ordem internacional no limiar do século XXI. 2003. (Apresentação de Trabalho/Outra).

18.
CRUZ, S. C. V.. Democracia e ordem internacional. 2003. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

19.
CRUZ, S. C. V.. Democracy and international order: reflections from the perspective of a large semi-peripheral country. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
CRUZ, S. C. V.. Que democracia? Aspectos políticos da crise econômica. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
CRUZ, S. C. V.. Um outro olhar: sobre a análise ?gramsciana? das organizações internacionais. 1998. (Apresentação de Trabalho/Outra).

22.
CRUZ, S. C. V.. Globalização, neoliberalismo e o papel do Estado. 1998. (Apresentação de Trabalho/Outra).

23.
CRUZ, S. C. V.. Idéias do poder: dependência e globalização no discurso recente de Fernando Henrique Cardoso. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

24.
CRUZ, S. C. V.. Reforma política: afinal, de que se trata?. 1998. (Apresentação de Trabalho/Outra).

25.
CRUZ, S. C. V.. Notas provisórias sobre a relação empresários e trabalhadores no Brasil em tempos de reestruturação econômica, realinhamento político e reorganização internacional. 1997. (Apresentação de Trabalho/Outra).

26.
CRUZ, S. C. V.. Crisis and economic reform. Some arguments on the Latin American experience. 1996. (Apresentação de Trabalho/Outra).

27.
CRUZ, S. C. V.. A produção do consenso. Discurso econômico e conflitos políticos na transição brasileira. 1994. (Apresentação de Trabalho/Outra).

28.
CRUZ, S. C. V.. Política industrial e crise: apontamentos teóricos e observações sobre o Brasil. 1994. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

29.
CRUZ, S. C. V.. Política empresarial em tempos de crise. Apontamentos teóricos e reflexões sobre o caso brasileiro. 1992. (Apresentação de Trabalho/Outra).

30.
CRUZ, S. C. V.. Política empresarial em tempos de crise. Apontamentos teóricos e reflexões sobre o caso brasileiro. 1992. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

31.
CRUZ, S. C. V.. Política empresarial em tempos de crise. Apontamentos teóricos e reflexões sobre o caso brasileiro. 1992. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

32.
CRUZ, S. C. V.. Empresários e política: nota sobre o caso brasileiro e reflexão sobre um problema teórico. 1991. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

33.
CRUZ, S. C. V.. Fragmentos do novo. Brasil: empresariado e crise no limiar dos 90. 1991. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

34.
CRUZ, S. C. V.. Fragmentos do novo. Brasil: empresariado e crise no limiar dos 90. 1991. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
CRUZ, S. C. V.. Fragmentos do novo. Empresariado e crise no limiar dos 90. 1991. (Apresentação de Trabalho/Outra).

36.
CRUZ, S. C. V.. Fragmentos del nuevo. Estado y empresariado en el Brasil. 1990. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

37.
CRUZ, S. C. V.. A desprivatização do Estado e os empresários. 1989. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

38.
CRUZ, S. C. V.. A política industrial e a transição no Brasil - elementos para uma interpretação. 1988. (Apresentação de Trabalho/Outra).

39.
CRUZ, S. C. V.. A política industrial e a transição no Brasil - elementos para uma interpretação. 1988. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

40.
CRUZ, S. C. V.. Doze anos depois - o antiestatismo no discurso dos empresários brasileiros. 1987. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

41.
CRUZ, S. C. V.. Burguesia, empresariado e perspectivas da democratização no Brasil. 1986. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

42.
CRUZ, S. C. V.. 1977-78 - Os empresários e a reemergência da questão social. 1986. (Apresentação de Trabalho/Outra).

43.
CRUZ, S. C. V.. La pertinence des problématiques en termes de régulation pour le Brésil: prémiers résultats d?une étude historique. 1985. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

44.
CRUZ, S. C. V.. Observations sur la conjoncture politique au Brésil vue dans une perspective comparative de longue durée. 1985. (Apresentação de Trabalho/Outra).

45.
CRUZ, S. C. V.. Brésil 1983: l?ouverture politique et l?opposition. 1983. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

46.
CRUZ, S. C. V.. De Castello a Figueiredo: uma incursão na pré-história da abertura. 1982. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

47.
CRUZ, S. C. V.. Burguesia e empresariado (notas teóricas e observações sobre Brasil/1964). 1981. (Apresentação de Trabalho/Outra).

48.
CRUZ, S. C. V.. Política de distensão e conflito político. 1974. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
CRUZ, S. C. V.. Eles querem sangrar o Brasil 2015 (Documento de Pesquisa).

2.
CRUZ, S. C. V.. A palavra do bandido e o sequestro do voto 2015 (Documento de Pesquisa).

3.
CRUZ, S. C. V.. O roedores, o incendiário e a lava jato 2015 (Documento de Pesquisa).

4.
CRUZ, S. C. V.. Os Estados Unidos e a OMC: Reflexões sobre a influência dos EUA no sistema multilateral de comércio. Curitiba, 2015. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

5.
CRUZ, S. C. V.. Autonomia estratégica: Rússia, ìndia, Estados Unidos...e nós 2014 (Documento de Pesquisa).

6.
CRUZ, S. C. V.. A sombra do povo e a insônia dos grãs-finos 2014 (Documento de Pesquisa).

7.
CRUZ, S. C. V.. Política externa. O que está em jogo na eleição 2014 (Documento de Pesquisa).

8.
CRUZ, S. C. V.. As propostas de Marina entram em choque com posições históricas do PSB. Como a candidatura vair resolver essa questão? 2014 (Documento de Pesquisa).

9.
CRUZ, S. C. V.. Os Estados Unidos e a crise do multilateralismo: nota sobre o caso da OMC. São Paulo: OPEU, 2011 (Monografias).

10.
CRUZ, S. C. V.. Um novo curso? As escolhas de Obama e a política mundial. São Paulo: OPEU, 2010 (Monografias).

11.
CRUZ, S. C. V.. Trajetórias, casos nacionais de reformas econômicas e respostas à crise mundial. Brasília: Cepal/IPEA, 2010 (Monografias).

12.
CRUZ, S. C. V.. 1945-1984: Ordem (e desordem) econômica internacional e nova estratégia comercial dos Estados Unidos. Cedec: Cedec, 2009 (Monografias).

13.
CRUZ, S. C. V.. Acordos comerciais internacionais: o Brasil nas negociações do setor de serviços financeiros. São Paulo, 2009. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

14.
CRUZ, S. C. V.. Crise econômica e negociações comerciais: conjecturas sobre a Rodada Doha e o sistema multilateral de comércio. Rio de Janeiro: Radar do Sistema Internacional, 2008 (Documento de trabalho).

15.
CRUZ, S. C. V.. O poder norte-americano e a América Latina no pós-Guerra Fria. São Paulo, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

16.
CRUZ, S. C. V.. Comércio internacional em um mundo partido: o regime do GATT e os países em desenvolvimento. São Paulo: Cedec, 2005 (Monografias).

17.
CRUZ, S. C. V.. Reformas econômicas em perspectiva comparada: o caso indiano. São Paulo: Cedec, 2005 (Monografias).

18.
CRUZ, S. C. V.; VIGEVANI, Tullo ; MARIANO, Marcelo Passini ; OLIVEIRA, Marcelo Fernandes de ; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de ; KUGELMAS, Eduardo . Reestruturação econômica mundial e reformas liberalizantes nos países em desenvolvimento. Campinas: IFCH/Unicamp, 2004 (Monografias).

19.
CRUZ, S. C. V.; SENNES, R. ; BARBOSA, A. . O Brasil no sistema internacional. Uma análise retrospectiva. São Paulo: IEA/USP, 2004 (Documento de Pesquisa).

20.
CRUZ, S. C. V.. Democracia e ordem internacional: reflexões a partir de um país grande semiperiférico. Campinas: IFCH/Unicamp, 2003 (Monografias).

21.
CRUZ, S. C. V.. Organizações internacionais e reformas neoliberais: reflexões a partir do tema da propriedade intelectual. Campinas: IFCH/Unicamp, 2002 (Monografias).

22.
CRUZ, S. C. V.. Teoria e História. Notas críticas sobre o tema da mudança institucional em Douglas North. Campinas: IFCH/Unicamp, 2002 (Monografias).

23.
CRUZ, S. C. V.. Burocracia, dirigentes estatais e idéias econômicas: um estudo de caso sobre o Banco Central do Brasil. São Paulo, 2002. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

24.
CRUZ, S. C. V.. Brasil de Fernando a Fernando. Neoliberalismo, corrupção e protesto na política brasileira de 1989 a 1994. Ijuí, 2000. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

25.
CRUZ, S. C. V.. Desencontros: o Brasil e o mundo no limiar dos anos 80. Campinas: IFCH/Unicamp, 1999 (Monografias).

26.
CRUZ, S. C. V.. Situações. Conjuntura, empresários/trabalhadores e ALCA. Campinas: IFCH/Unicamp, 1999 (Monografias).

27.
CRUZ, S. C. V.. As ideias do poder. Dependência, globalização, crise e o discurso de FHC. Campinas: IFCH/Unicamp, 1998 (Monografias).

28.
CRUZ, S. C. V.. Um outro olhar: sobre a análise neogramsciana das organizações internacionais. Campinas: IFCH/Unicamp, 1998 (Monografias).

29.
CRUZ, S. C. V.. Restructuring world economy. Arguments about ?market-oriented? reforms in the developing countries. Campinas: IFCH/Unicamp, 1997 (Monografias).

30.
CRUZ, S. C. V.. A produção do consenso. Discurso econômico e conflitos políticos na transição brasileira. Campinas: IFCH/Unicamp, 1994 (Monografias).

31.
CRUZ, S. C. V.. Política empresarial em tempos de crise. Notas teóricas e reflexões sobre o Brasil nos anos 90. Campinas: IFCH/Unicamp, 1992 (Monografias).

32.
CRUZ, S. C. V.. Fragmentos do novo? Brasil: empresariado e crise no limiar dos 90. Campinas: IFCH/Unicamp, 1991 (Monografias).

33.
CRUZ, S. C. V.. O setor de bens de capital e o governo Geisel. Rio de Janeiro: Iuperj, 1986 (Monografias).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
CRUZ, S. C. V.. Assessor ad hoc da Editora da Unesp. 2001.

2.
CRUZ, S. C. V.. Assessor ad hoc da Editora da Unicamp. 2001.

3.
CRUZ, S. C. V.. Assessor ad hoc do CNPq. 2000.

4.
CRUZ, S. C. V.. Assessor ad hoc da Capes. 2000.

5.
CRUZ, S. C. V.. Assessor ad hoc do Fundo de Apoio ao Ensino e à Pesquisa da Unicamp. 2000.

6.
CRUZ, S. C. V.. Assessor ad hoc da FAPESP. 2000.

Trabalhos técnicos
1.
CRUZ, S. C. V.. Membro do grupo de trabalho de Relações Internacionais da Anpocs. 2001.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
CRUZ, S. C. V.. Perspectivas Unicamp 50 Anos. 2015. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

2.
CRUZ, S. C. V.. 39° Encontro Anual da ANPOCS. 2015. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

3.
CRUZ, S. C. V.. II Encontro Brasileiro de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais. 2015. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

4.
CRUZ, S. C. V.. 5ª Conferência Internacional de História Econômica & VII Encontro de Pós Graduação em História Econômica. 2014. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

5.
CRUZ, S. C. V.. 4º Encontro Nacional da ABRI. 2013. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

Redes sociais, websites e blogs
1.
CRUZ, S. C. V.. Observatório Político dos Estados Unidos. 2014; Tema: Notas de viagem. Sobre as relações entre a Alemanha e os Estados Unidos. (Site).

2.
CRUZ, S. C. V.. Críticos na berlinda: a política externa da oposição. 2014; Tema: Política externa. (Blog).

3.
CRUZ, S. C. V.. Lançamento do livro 'A Internacional do Capital Financeiro' - UNICAMP. 2014; Tema: Debate/lançamento do livro "A Internacional do Capital Financeiro". (Site).

4.
CRUZ, S. C. V.. Lançamento do livro 'A Internacional do Capital Financeiro' - FGV. 2014; Tema: Debate/lançamento do livro "A Internacional do Capital Financeiro". (Site).

5.
CRUZ, S. C. V.. Brasil Debate. 2014; Tema: A dupla moral e a política externa tucana. (Site).

6.
CRUZ, S. C. V.. As eleições de 2014 e o debate sobre política externa. 2014; Tema: Política externa. (Blog).

7.
CRUZ, S. C. V.. Blog do GR-RI. 2012; Tema: Impacto das eleições nos Estados Unidos na política externa brasileira, o que muda no cenário global? O que muda em relação à América Latina e o Brasil?. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
CRUZ, S. C. V.; VIGEVANI, Tullo . Carta-resposta ao parecer do CNPq sobre o Relatório de atividades do INCT-Ineu referente ao período 2006-2010. 2011. (Relatório de pesquisa).

2.
CRUZ, S. C. V.. Panorama EUA. 2010. (Editoração/Outra).

3.
CRUZ, S. C. V.; VIGEVANI, Tullo . Relatório para a 1ª Reunião de Avaliação e Acompanhamento do Programa INCTs - "? Apresentação do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-INEU) ? 2006-2010". 2010. (Relatório de pesquisa).

4.
CRUZ, S. C. V.; VIGEVANI, Tullo ; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de ; NOVELLI, José Marcos Nayme ; CASTRO, Luiza Carnicero de ; GUIMARÃES, F. DE S. ; RIBEIRO, R. A. ; SANTOS NETO, O. F. DOS ; SILVA, E. A. DA ; COSTA, K. F. ; OLIVEIRA, Marcelo Fernandes de ; CEPALUNI, Gabriel ; SILVA, Thiago Lima da ; MENDONCA, F. A. ; LAMBERT, R. O. ; BOJIKIAN, N. M. P. . Reestruturação econômica mundial e reformas liberalizantes nos países em desenvolvimento. 2007. (Relatório de pesquisa).

5.
CRUZ, S. C. V.; VIGEVANI, Tullo ; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de ; KUGELMAS, Eduardo ; SILVA, E. A. DA ; RIBEIRO, R. A. ; NOVELLI, José Marcos Nayme ; GUIMARÃES, F. DE S. ; SANTOS NETO, O. F. DOS ; OLIVEIRA, Marcelo Fernandes de ; COSTA, K. F. ; SILVA, Thiago Lima da ; MENDONCA, F. A. ; MONTEIRO, K. . Reestruturação econômica mundial e reformas liberalizantes nos países em desenvolvimento. 2005. (Relatório de pesquisa).

6.
CRUZ, S. C. V.; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de ; KUGELMAS, Eduardo ; VITAGLIANO, Luís Fernando ; SILVA, E. A. DA ; CASTRO, Luiza Carnicero de ; CEPALUNI, Gabriel . Reestruturação econômica mundial e reformas liberalizantes nos países em desenvolvimento. 2004. (Relatório de pesquisa).

7.
CRUZ, S. C. V.; MORAES, Reginaldo Carmello Correa de ; VIGEVANI, Tullo ; KUGELMAS, Eduardo ; MARIANO, Marcelo Passini ; OLIVEIRA, Marcelo Fernandes de . Reestruturação econômica mundial e reformas liberalizantes nos países em desenvolvimento. 2002. (Relatório de pesquisa).

8.
CRUZ, S. C. V.. Política industrial e democratização. 1992. (Relatório de pesquisa).

9.
CRUZ, S. C. V.. As vicissitudes da política industrial da Nova República. 1990. (Relatório de pesquisa).

10.
CRUZ, S. C. V.. Política industrial e transição no Brasil. 1989. (Relatório de pesquisa).

11.
CRUZ, S. C. V.; SILVA, A. A. ; SZYNIAK, David . O impacto do take-over na indústria brasileira. 1981. (Relatório de pesquisa).

12.
CRUZ, S. C. V.; Vianna, M. L. W. ; SZYNIAK, David . PME?s e relações interindustriais: um estudo sobre a indústria automobilística e o setor de autopeças. 1981. (Relatório de pesquisa).

13.
CRUZ, S. C. V.. Aspectos quantitativos da expansão do Estado. In: Expansão do Estado e intermediação de interesses no Brasil. 1979. (Relatório de pesquisa).

14.
CRUZ, S. C. V.. Elementos teóricos para a análise da burguesia. 1979. (Relatório de pesquisa).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
CRUZ, S. C. V.. A crise em Honduras. 2009.

2.
CRUZ, S. C. V.. O governo Obama. 2009.

3.
CRUZ, S. C. V.. Debate sobre a crise política e a conjuntura nacional - Entrevista. 2005.

Demais trabalhos
1.
CRUZ, S. C. V.. Membro do Comitê Gestor do Programa Renato Archer de Fomento à Pesquisa em Relações Internacionais. 2006 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

2.
CRUZ, S. C. V.. Membro e Coordenador do Comitê Acadêmico de Ciências Sociais do CNPq. 2005 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

3.
CRUZ, S. C. V.. Membro Comitê Gestor do Programa de Cooperação em Matéria de Ciências Sociais para os Países da Comunidade de Países de Língua Portuguesa, Programa Ciências Sociais CPLP. 2005 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

4.
CRUZ, S. C. V.. Membro fundador e membro da Diretoria da Associação Brasileira de Relações Internacionais (ABRI). 2005 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

5.
CRUZ, S. C. V.. Membro do Conselho Fiscal da Associação Brasileira de Ciência Política. 2003 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

6.
CRUZ, S. C. V.. Membro do Comitê Científico da Cátedra Vilmar Faria de Estudos Latino-Americanos - Flacso. 2003 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

7.
CRUZ, S. C. V.. Representante da ABCP no World International Committee. 2003 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

8.
CRUZ, S. C. V.. Membro do Comitê de Intercâmbio Internacional da ANPOCS. 2002 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

9.
CRUZ, S. C. V.. Membro da Latin American Studies Association (LASA). 2001 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

10.
CRUZ, S. C. V.. Membro da Associação Brasileira de Ciência Política. 2001 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

11.
CRUZ, S. C. V.. Membro do Grupo de Trabalho de Relações Internacionais da Anpocs. 2001 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .

12.
CRUZ, S. C. V.. Membro da International Studies Association (ISA). 2001 (Assessorias e outras atividades acadêmicas) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Daniel Martins Silva. A expansão para o Oeste: a Parceria Transpacífica sob a perspectiva dos Estados Unidos. 2016. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais (Unesp/Unicamp/Puc-Sp)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

2.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Artur Monte Cardoso. Burguesia brasileira nos anos 2000 ? Um estudo de grupos industriais brasileiros selecionados. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

3.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Rafael Murgi. A internacionalização de empresas brasileiras na América do Sul: impactos da política externa recente e da integração regional. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

4.
COELHO, Jaime Cesar; CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Felipe Camargo Gaiotto. A construção social do poder monetário dos Estados Unidos: capacidades materiais, ideias e instituições. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciencias Sociais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Cauê Rodrigues Pimental.. Empresas Militares Privadas e a Construção da Política Externa Americana. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas e Sociais) - Universidade Federal do ABC.

6.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Tainá Dias Vicente. A APROXIMAÇÃO ENTRE OS ESTADOS UNIDOS E A ÍNDIA E O PROCESSO DE NEGOCIAÇÃO DO ACORDO NUCLEAR CIVIL (2008). 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

7.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Lucas Ribeiro Mesquita. ITAMARATY, PARTIDOS POLÍTICOS E POLÍTICA EXTERNA BRASILEIRA: Institucionalização de projetos partidários nos governos FCH e Lula. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

8.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Filipe Almeida Mendonça. Entre a teoria e a história: a política comercial dos Estados Unidos na década de 1980. 2009. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP).

9.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Fabio Hungaro Karam. Conhecimentos tradicionais, propriedade intelectual e política externa brasileira. 2008. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas.

10.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Henrique Zeferino de Menezes. A crise do desenvolvimento brasileiro: dívida externa, condicionalidades e as relações com o Fundo Monetário Internacional e o Banco Mundial (1974-1987). 2008. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas.

11.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Thiago Lima da Silva. Desafios internacionais à política agrícola norte-americana: o contencioso do algodão entre Brasil e Estados Unidos e o CAFTA-DR. 2008. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP).

12.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Gilson Rodrigues de Almeida. Dilemas da ação coletiva: prestadoras de serviços mercantis e legislação tributária no Brasil contemporâneo. 2007. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

13.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Christiana Galvão Ferreira de Freitas. O Tribunal Penal Internacional permanente e a proteção dos direitos humanos. O debate sobre a ratificação do tratado no Brasil em perspectiva comparada. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

14.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Igor Fuser. O petróleo e o envolvimento militar dos Estados Unidos no Golfo Pérsico. 2005. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas.

15.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Edílson Ricardo Emiliano Bertoncelo. A campanha das diretas e o processo de redemocratização.. 2005. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade Estadual de Campinas.

16.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Gabriel Cepaluni. O contencioso Brasil x Estados Unidos no setor farmacêutico e a licença compulsória para medicamentos contra o HIV/AIDS. 2004. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas.

17.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Tiago Bahia Losso. A instauração da ordem. Propostas políticas autoritárias no Brasil de 1930-40.. 2000. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

18.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Cristina Carvalho Pacheco. SR. 2000. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

19.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de José Marcos Nayme Novelli. Instituições, idéias e política econômica. O Banco Central no Brasil: um estudo de caso.. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

20.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Álvaro Gabriel Bianchi Mendes. SR. 1999. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade Estadual de Campinas.

21.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Ricardo Alaggio Ribeiro. A engenharia militar no Brasil.. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

22.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de José Marcio Rebolho Rego. Teoria da Dependência e teoria da inflação inercial: consumo e retórica.. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

23.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de José Carlos Vieira. Democracia e direitos humanos.. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

24.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Luciana Ferreira Tatagiba. SR. 1998. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

25.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Carlos Henrique Gulart Árabe. SR. 1998. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

26.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Joyce A. Rodrigues Monteiro. SR. 1997. Dissertação (Mestrado em Sociologia) - Universidade Estadual de Campinas.

27.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Mariano Luiz Sanchez. SR. 1995. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

28.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Benoni Belli. SR. 1994. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

29.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Francisco César Pinto da Fonseca. SR. 1994. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

30.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Rui Tavares Maluf. SR. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

31.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Regina Coeli Moreira Camargo. SR. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

32.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Alberto Tosi. SR. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

33.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Celene Tonella. SR. 1991. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

34.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Barbara Giese. SR. 1991. Dissertação (Mestrado em Sociologia Política) - Universidade Federal de Santa Catarina.

35.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Denison de Oliveira. SR. 1990. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

36.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Marlos B. Mendes da Rocha. SR. 1990. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

37.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Regina R. A. Davalle. SR. 1989. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

Teses de doutorado
1.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Fernando Luz Brancoli. Companhias Privadas de Segurança no Sul Global: narrativas de privatização da violência e construção de ameaças na Líbia e no Afeganistão. 2016. Tese (Doutorado em Relações Internacionais (Unesp/Unicamp/Puc-Sp)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

2.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Carolina Cristina Loução Preto. Os EUA e o Órgão de Solução de Controvérsias (OSC) da OMC: Um estudo sobre a participação dos EUA na criação e no uso do OSC da Organização Mundial do Comércio. 2016. Tese (Doutorado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas.

3.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Lais Forti Thomas. As Coalisões de Defesa e as Mudanças na Política Externa Comercial e Energética dos Estados Unidos para o Brasil em 2011. 2016. Tese (Doutorado em Relações Internacionais (Unesp/Unicamp/Puc-Sp)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

4.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Kjeld Aagaard Jakosen. Análise da Política Externa Brasileira: continuidade, mudanças e rupturas no governo Lula. 2016. Tese (Doutorado em Relações Internacionais) - Universidade de São Paulo.

5.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Mariele Troaiano. Empresários do Congresso: a legitimação de interesses via audiências públicas. 2016. Tese (Doutorado em Ciencia Politica) - Universidade Federal de São Carlos.

6.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Alexandra Ozorio de Almeida. O Programa Nuclear Brasileiro e o Acordo com a Alemanha: da ambição compartilhada aos interesses fragmentados (1975-1978). 2015. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

7.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Rodrigo Maschion Alves. Crise, poderes, interesses e estratégias: o G-20 e a governança monetária e financeira contemporânea. 2015. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

8.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Diego de Bernardin Stadoan. Uma contribuição à luta democrática. 2015. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

9.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Tatiana Berringer. Bloco no Poder e política externa nos governos FHC e Lula. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

10.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Lilia Belluzzo. O lado intangível da pobreza : um estudo de caso na região da Brasilândia. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

11.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Aline Regina Alves Martins. Moeda, Estado e Poder: limites dos direitos especiais de saque enquanto alternativa ao dólar como moeda-chave. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

12.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Thiago Lima da Silva. A resiliência da política de subsídios agrícolas nos Estados Unidos. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

13.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Filipe Almeida Mendonça. A face multilateral do unilateralismo: a reciprocidade na história da política comercial dos Estados Unidos. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

14.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Henrique Zeferino de Menezes. O conflito Estados Unidos-Brasil sobre a organização do regime internacional de propriedade intelectual no século XXI: da "Agenda de Patentes" à "Agenda do Desenvolvimento. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

15.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Danilo Enrico Martuscelli. Crises políticas e capitalismo neoliberal no Brasil. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

16.
LESSA, R.; CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Mayra Goulart da Silva. Entre César e o Demos: Notas agonísticas sobre a democracia na Venezuela,. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política (Ciência Política e Sociologia)) - Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro.

17.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Solange Reis Ferreira. Grande estratégia e ordem regional: a política de energia dos Estados Unidos na Ásia Central e no Cáucaso", Autor: Solange Reis Ferreira. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

18.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Fernando Luz Brancoli. Atores Não Estatais e Securitização: As companhias militares privadas na 2a. guerra do Afeganistão. 2012. Tese (Doutorado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas.

19.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Carolina Cristina Loução Preto. A Política Comercial dos Estados Unidos e a OMC. os contenciosos comerciais e o órgão de solução de disputas. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

20.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Marrielle Maia Alves Ferreira. A grande estratégia norte-americana e o Tribunal Penal Internacional (1990-2008). 2011. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

21.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Wagner Tadeu Iglecias. Liberalização econômica na América Latina. Uma análise comparada das relações entre Estado e empresariado no Brasil e no México. 2005. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de São Paulo.

22.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Denise Barbosa Gros. Empresariado e Ação Política na Nova República: a rede dos institutos liberais no Brasil. 2002. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

23.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Jaime Cesar Coelho. O Banco Mundial e as reformas liberais na América Latina. 2002. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

24.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Javier Alberto Vadell. SR. 2002. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

25.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Karina Lilia Pasquariello Mariano. SR. 2000. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

26.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Aluízio Almeida Schumacher. Habermas: razão comunicativa e teoria democrática.. 2000. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

27.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Carlos Alberto Vasconcelos da Rocha. SR. 2000. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

28.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de José Luiz Ames. SR. 2000. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

29.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Francisco César Pinto da Fonseca. SR. 2000. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de São Paulo.

30.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Sydenham Lourenço Neto. SR. 2000. Tese (Doutorado em Ciência Política (Ciência Política e Sociologia)) - Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro.

31.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Paulo Levorin. SR. 2000. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de São Paulo.

32.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Maria Eugênia Guimarães. SR. 1999. Tese (Doutorado em Sociologia) - Universidade de São Paulo.

33.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Alberto Tosi Rodrigues. A democracia que nos coube. Mobilizações, crises e transição política no Brasil: 1984-1992.. 1999. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

34.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Eduardo César Marques. SR. 1998. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

35.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Silvio Antonio Ferraz Cário. SR. 1997. Tese (Doutorado em Ciências Econômicas) - Universidade Estadual de Campinas.

36.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Renato Monseff Periscinoto. SR. 1997. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

37.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Denison de Oliveira. SR. 1995. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

38.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Ilza Araujo Leão de Andrade. SR. 1994. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

39.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Janete Maria Lins de Azevedo. SR. 1994. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

40.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Silvia Victoria Gerschman. SR. 1994. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

41.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de João Roberto Martins. SR. 1993. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

42.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Donato Antonio Manna. SR. 1988. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

43.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Shiguenolii Myamato. SR. 1986. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Wagner Tadeu Iglesias. SR. 2002. Exame de qualificação (Doutorando em Sociologia) - Universidade de São Paulo.

2.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Karina Lilia Pasquariello Mariano. SR. 1999. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

3.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de José Luiz Ames. SR. 1999. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

4.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Fabrício Ricardo de Lima Tomio. SR. 1999. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

5.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Mariano Luiz Sanches. SR. 1998. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

6.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Maria Eugênia Guimarães. SR. 1998. Exame de qualificação (Doutorando em Sociologia) - Universidade de São Paulo.

7.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Aluisio Almeida Schumacher. SR. 1997. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

8.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Alberto Tosi Rodrigues. SR. 1997. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

9.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Denise Barbosa Gros. SR. 1997. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

10.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Regina A. Landin Bruno. SR. 1997. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

11.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Ricardo Costa de Oliveira. SR. 1997. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

12.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Denison de Oliveira. SR. 1995. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas.

13.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Ilza Araújo Leão de Andrade. SR. 1993. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

14.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Jorge Ruben Biton Tapia. SR. 1993. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

15.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de João Roberto Martins Filho. SR. 1992. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Gustavo Carlos Macedo.Poder de guerra e política externa: o caso da "Authorization for Use of Military Force Against Iraq Resolution of 2002" e a relação de poderes entre Legislativo e Executivo nos EUA pós-11 de Setembro. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.

2.
CRUZ, S. C. V.. Participação em banca de Gilson Rodrigues de Almeida.O lugar da política na 'teoria da dependência' de Fernando Henrique Cardoso. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Professor titular
1.
CRUZ, S. C. V.. Concurso par professor titular-livre no Setor de Governança e Políticas do Instituto de Economia da UFRJ de Celia Lessa Kerstenetzky. 2015. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
CRUZ, S. C. V.. Concurso para professor-titular na áres de Partidos políticos e sistemas eleitorais. 2013. Universidade Estadual de Campinas.

3.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para Professor Titular da Faculdade de Filosofia e Ciências da UNESP-Marília. 2007. Universidade Estadual Paulista.

4.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para Professor Titular do Departamento de Sociologia do IFCH/Unicamp. 2006. Universidade Estadual de Campinas.

5.
CRUZ, S. C. V.. Presidente do Concurso Público para Professor Titular do IFCH/Unicamp. 2004. Universidade Estadual de Campinas.

6.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para Professor Titular do Departamento de Sociologia da FFLCH/USP. 2004. Universidade de São Paulo.

7.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para Professor Titular do IFCH/Unicamp. 2003. Universidade Estadual de Campinas.

Concurso público
1.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de Professor Titular na Área de História do Pensamento Econômico. 2012. Universidade Estadual de Campinas.

2.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor. 2011. Universidade Estadual de Campinas.

3.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor em Ciência Política, UFSCar. 2008. Universidade Federal de São Carlos.

4.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor do Departamento de Ciências Sociais da UNESP-Marília. 2006. Universidade Estadual Paulista.

5.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Ciência Política, FFLCH/USP. 2005. Universidade de São Paulo.

6.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, FGV. 2004. Fundação Getulio Vargas - SP.

7.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Ciência Política, FFLCH/USP. 2003. Universidade de São Paulo.

8.
CRUZ, S. C. V.. Presidente do Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Ciência Política do IFCH/Unicamp. 2003. Universidade Estadual de Campinas.

9.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Adjunto, Departamento de Ciência Política/UFBA. 2001. Universidade Federal da Bahia.

10.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Sociologia da FFLCH/USP. 1998. Universidade de São Paulo.

11.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Ciência Política da FFLCH/USP. 1998. Universidade de São Paulo.

12.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Sociologia da FFLCH/USP. 1998. Universidade de São Paulo.

13.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Ciência Política do IFCH/Unicamp. 1997. Universidade Estadual de Campinas.

14.
CRUZ, S. C. V.. Concurso Público para provimento de cargo de Professor Assistente Doutor, Departamento de Ciência Política do IFCH/Unicamp. 1993. Universidade Estadual de Campinas.

Livre docência
1.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de livre-docência, Andrei Koerner, na área de Direito e Instituições Judiciais. 2015. Universidade Estadual de Campinas.

2.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de livre-docência, Luciana Tatagiba, na área de participação política e ação coletiva. 2015. Universidade Estadual de Campinas.

3.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de livre-docência, Maria Antonieta Tedesco Lins. Tema: Liberalização e integração financeira na América Latina. Um exercício de Economia Política Comparada. 2015. Universidade de São Paulo.

4.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de Livre-docência, Aluisio de Almeida Schumacher, UNESP-Botucatu. 2008. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

5.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de Livre-docência, Cicero Romão Resende Araujo, FFLCH/USP. 2004. Universidade de São Paulo.

6.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de Livre-docência, Fernando Limongi, FFLCH/USP. 2002. Universidade de São Paulo.

7.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de Livre-docência, Eliezer Rizzo de Oliveira, IFCH/Unicamp. 1999. Universidade Estadual de Campinas.

8.
CRUZ, S. C. V.. Concurso de Livre-docência, Armando Boito, IFCH/Unicamp. 1998. Universidade Estadual de Campinas.

Avaliação de cursos
1.
CRUZ, S. C. V.. Banca do Exame de doutorado do Programa de Doutorado em Ciência Política da UFPE. 2007. Universidade Federal de Pernambuco.

Outras participações
1.
CRUZ, S. C. V.. Membro da Comissão Julgadora do Comitê ?Pensar o Rio?, da FAPERJ. 2007. Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Ciclo de conferências ABL "Os novos populismos".A presença da tradição: o populismo nos EUA. 2017. (Simpósio).

2.
Ciclo Voltar a Pensar - Carta Maior.Ordem ou desordem? Onde estamos para onde vamos algumas escolhas que não podemos evitar. 2017. (Outra).

3.
Colóquio Geopolítica e Estratégia.A eleição de Donald Trump e a politica externa dos EUA. 2017. (Simpósio).

4.
Colóquio questões emergentes e perspectivas para as pesquisas sociais e históricas sobre direito e politica no Brasil.Constituição, reformas econômicas e contexto internacional. 2017. (Simpósio).

5.
Fórum San Tiago Dantas de Relações Internacionais.Ordem e desordem internacional. 2017. (Seminário).

6.
Primeira Jornadas Nacionales "Perspectivas e intervenciones en las Ciencias Sociales del NOA".Orden (o desorden) internacional y perspectivas políticas de America Latina. 2017. (Seminário).

7.
Seminário Internacional impactos da eleição de Trump para a América Latina e o Brasil.O governo Trump e as Relações Internacionais. 2017. (Seminário).

8.
Tercer Foro Internacional "Rusia e Ibero América en el mundo globalizado: historia y perspectivas.Orden (o desorden) internacional y perspectivas políticas de America Latina. 2017. (Simpósio).

9.
Estados Unidos. Impactos de uma eleição singular.Política Internacional. 2016. (Seminário).

10.
Palestra curso de Graduação em R.I. da UFRRJ. Ordem ou Desordem? Onde estamos? Para onde vamos? Escolhas que não podemos evitar. 2016. (Exposição).

11.
Palestra curso de Graduação em R.I. da UFRRJ. Ordem ou Desordem? Onde estamos? Para onde vamos? Escolhas que não podemos evitar. 2016. (Exposição).

12.
Seminário Internacional das Potências Médias: Ásia e os dilemas da nova ordem mundial contemporânea.A RUSSIA NA NOVA (DES) ORDEM INTERNACIONAL. REFLEXÕES FEITAS DE LONGE.. 2016. (Seminário).

13.
X Encontro da ABCP. As direitas no Brasil e na América Latina: reemergência e significados. 2016. (Congresso).

14.
39° Encontro Anual da ANPOCS.Mesa Redonda: Crises Políticas. Perspectivas clássica e contemporânea. 2015. (Encontro).

15.
II Encontro Brasileiro de Estudos Estratégicos e Relações Internacionais.Conferência: Desafios e Programas de Cooperação em Defesa Brasil e França. 2015. (Encontro).

16.
Perspectivas Unicamp 50 Anos.Coordenador de messa redonda intitulada "Geopolítica Mundial: que novos caminhos teremos?". 2015. (Outra).

17.
Programa Reforma do Estado, Desenvolvimento e Gestão Pública - Fundação João Pinheiro -.Conferência "Crise e Reformas Neoliberais nos países em desenvolvimento". 2015. (Outra).

18.
Seminário: A crise política.Expositor. 2015. (Seminário).

19.
SEMINÁRIO: POLÍTICA EXTERNA E AS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS DE 2014.Reflexão sobre a obviedade do caráter das eleições de 2014. 2014. (Outra).

20.
Conferência Nacional: 2003-1013: Uma nova política externa.O FUTURO DA POLÍTICA EXTERNA BRASILEIRA: DESAFIOS E PERSPECTIVAS. 2013. (Outra).

21.
Colóquio Índia - Debates com Deepak Nayar - Centro Celso Furtado de Políticas para o a o Desenvolvimento.Um Olhar à Distância. Reflexões sobre padrões de desenvolvimento e Inserção Internacional da Índia. 2012. (Outra).

22.
Inauguração do Curso de Relações Internacionais - Universidade Federal do ABC.A Inserção do Brasil no Mundo em Transformação. 2012. (Outra).

23.
Workshop Economic Crisis & Regional Rebalincing Reordering: from trans-Atlantic to global South? Joint workshop Aalborg University & University of Massachusetts Boston.BRAZIL AND WORLD ECONOMIC RESTRUCTURING. 2012. (Outra).

24.
11 de Setembro de 2001: o Mundo depois de uma Década de Guerra contra o Terror.Mediador e comentador do Seminário. 2011. (Seminário).

25.
35º Encontro Anual da Anpocs.Em parceria com Matias Spektor (FGV-RJ), coordenador do GT 12 ? Estudos sobre Estados Unidos; coordenador da Sessão ?Economia Política?. 2011. (Encontro).

26.
A tragédia da diplomacia e a política externa de Obama. A tragédia da diplomacia e a política externa de Obama. 2011. (Congresso).

27.
Hemisfério em transformação: relações internacionais, multilateralismo e perspectivas para o aprofundamento democrático nas relações interamericanas:.NOTAS SOBRE O PARADOXO DOS DIREITOS HUMANOS E AS RELAÇÕES HEMISFÉRICAS. 2011. (Seminário).

28.
II Workshop INCT-Ineu/UFSC ?Pensando os Estados Unidos: A Economia Política do Dinheiro?.Estados e mercados. O impasse na Rodada Doha e o futuro da OMC. 2011. (Outra).

29.
Semana de Relações Internacionais.O papel dos Estados Unidos na governança global. 2011. (Outra).

30.
Seminário ?As tendências da conjuntura após o governo Lula?.As tendências da conjuntura após o governo Lula. 2011. (Seminário).

31.
Seminário do GT Direitos Humanos.O paradoxo dos direitos humanos e as relações hemisféricas. 2011. (Seminário).

32.
Seminário do projeto ?Hemisphere in Flux: international relations, multilateralism, human rights and prospects for democratic deepening of inter-American affairs?.Notas sobre o paradoxo dos direitos humanos e as relações hemisféricas. 2011. (Seminário).

33.
V Encontro Nacional da Associação Brasileira de Estudos de Defesa (ABED).Significado do pensamento estratégico em um contexto regional como o nosso (América do Sul). 2011. (Encontro).

34.
?Second Conference ? Global Governance?, Seminário ?Emerging Issues in US-Brazil Relations?. Expositor na mesa ?Global Governance?. 2010. (Congresso).

35.
1ª Reunião de Avaliação e Acompanhamento do Programa INCTs do CNPq.Trabalho apresentado: VELASCO E CRUZ, Sebastião C.; VIGEVANI, Tullo. ?Apresentação do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Estudos sobre os Estados Unidos (INCT-Ineu)?. 2010. (Outra).

36.
Fórum ?Estudos Políticos sobre os Estados Unidos?.Organizador e coordenador do Fórum, em parceria com Tullo Vigevani. 2010. (Encontro).

37.
I Simpósio INCT-Ineu ? ?Balanço e Perspectiva dos Estudos sobre os Estados Unidos?.Palestra na mesa temática ?Política Econômica Internacional dos Estados Unidos?. 2010. (Simpósio).

38.
Reunião de trabalho promovida pela Coordinadora Regional de Investigaciones Económicas y Sociales (CRIES).Debatedor na reunião de trabalho. 2010. (Outra).

39.
Seminário ?Brasil y las relaciones hemisféricas.Expositor do tema " Brasil e as relações exteriores". 2010. (Seminário).

40.
Seminário do projeto ?Em busca do processo constituinte: 1985-1988?.Palestra de abertura do Seminário ?Em busca do processo constituinte: 1985-1988?. 2010. (Seminário).

41.
Seminário Internacional ?Governança Global 2025?.Expositor no Painel 1: Mudanças Globais em 2025. 2010. (Seminário).

42.
V Conferência Nacional de Política Externa e Política Internacional (CNPEPI): ?O Brasil no mundo que vem aí?. Trabalho apresentado: ?Um novo curso? As escolhas de Obama e a política mundial?. 2010. (Congresso).

43.
33º Encontro Anual da Anpocs.Expositor na mesa-redonda ?A disputa entre os modelos representativo e participativo de democracia: experiências recentes e práticas institucionais na América do Sul?. 2009. (Encontro).

44.
7ª Semana de Relações Internacionais da UNESP.Conferência de abertura: ?As relações internacionais hoje: estadocentrismo e desglobalização?. 2009. (Outra).

45.
Aula Magna: ?Um prisma ex-cêntrico: o campo das relações internacionais no Brasil e os desafios da época?.?Um prisma ex-cêntrico: o campo das relações internacionais no Brasil e os desafios da época?. 2009. (Outra).

46.
Conferencia Internacional La Agenda Hemisférica ante el Nuevo Escenario Político en América Latina y el Caribe.Expositor na mesa-redonda: ?Crise financeira global e consequências para a América Latina?. 2009. (Seminário).

47.
II Simpósio de Pós-Graduação em Relações Internacionais ?San Tiago Dantas? (Unesp/Unicamp/PUC-SP).Comentador na mesa ?Propriedade intelectual e inovação?. 2009. (Simpósio).

48.
Palestra ?Globalização, crises e relações políticas?.?Globalização, crises e relações políticas?. 2009. (Outra).

49.
Seminário ?Vinte Anos após a Queda do Muro: Repercussões na América Latina e na África?.Expositor na mesa-redonda ?Capitalismo e poder: vinte anos após a queda do Muro?. 2009. (Seminário).

50.
Seminário internacional ?As Ciências Sociais no Mundo Contemporâneo. Revisões e Prospecções?.?Reflexões sobre as Ciências Sociais em um mundo em transformação. Um ponto de vista brasileiro?. 2009. (Seminário).

51.
X Congresso Luso-Afro-Brasileiro: Sociedades Desiguais e Paradigmas em Confronto. ?Reflexões sobre o tema da inserção internacional dos países de língua portuguesa?. 2009. (Congresso).

52.
XXVIII Congresso Internacional da Associação de Estudos Latino-Americanos (LASA 2009) ? Rethinking Inequalities. Expositor no Workshop ?What Constitutes ?Good Research?? Perspectives on Research Practice, Research Ethics, and Research Standards of ?Truth? from the North and South?, na condição de representante de Lua Nova ? Revista de Cultura e Política. 2009. (Congresso).

53.
XXVIII Congresso Internacional da Associação de Estudos Latino-Americanos (LASA 2009) ? Rethinking Inequalities. ?Lo que constituye buena pesquisa? Perspectivas sobre la práctica de la pesquisa, la ética de pesquisa y padrones de verdad en pesquisa vistos del Norte y del Sur?. 2009. (Congresso).

54.
Mesa-redonda ?A Constituição brasileira 20 anos depois?.Expositor na mesa-redonda ?A Constituição brasileira 20 anos depois?. 2008. (Outra).

55.
Seminário ?A crise política e a democracia na Bolívia?.?A crise política e a democracia na Bolívia?. 2008. (Seminário).

56.
Seminário ?Governo Obama: crise econômica, desafios domésticos e internacionais?.Governo Obama: crise econômica, desafios domésticos e internacionais. 2008. (Seminário).

57.
1º Encontro Nacional da Associação Brasileira de Relações Internacionais (ABRI).Comentarista do tema ?Estado e políticas de desenvolvimento?. 2007. (Encontro).

58.
31º Encontro Anual da Anpocs.As reformas neoliberais na América Latina. 2007. (Encontro).

59.
Comentador da Palestra ?Desenvolvimento e política externa?, do embaixador Samuel Pinheiro Guimarães.Comentador da palestra. 2007. (Outra).

60.
Curso de Relações Internacionais, Fundação Perseu Abramo.Palestra ?Integração sul-americana e inserção internacional do Brasil?. 2007. (Outra).

61.
Seminário promovido pelo IEEI.Comentarista do tema ?O padrão de inserção da Coréia na economia global?. 2007. (Seminário).

62.
Seminário UNESP/Franca.As reformas neoliberais na América Latina. 2007. (Seminário).

63.
3° Congresso Latino-Americano de Ciência Política. Coordenador (em colaboração com Reginaldo Moraes) da área temática ?América Latina, fim de século - Reestruturação econômica mundial e novas relações entre economia e política?. 2006. (Congresso).

64.
52° Congresso Internacional de Americanistas. Cambios sistémicos y trayectórias nacionales: reformas económicas en perspectiva comparada. 2006. (Congresso).

65.
Ciclo de Seminários ?30 Anos de Cedec?.Expositor do tema ?Democracia e política externa?. 2006. (Seminário).

66.
II Colóquio Internacional Direito e Estado.Imperialismo, soberania nacional, ordem jurídica internacional. 2006. (Outra).

67.
II Encontro Anual de Pós-Graduação do IFCH-Unicamp.Coordenador da mesa-redonda ?Imperialismo russo e guerra na Tchetchênia. Os descaminhos da indústria da violência?. 2006. (Encontro).

68.
Mesa-redonda ?A esquerda e o voto?.Expositor na mesa-redonda ?A esquerda e o voto?. 2006. (Outra).

69.
Seminário Século XX.O despertar do Oriente no século XX. 2006. (Seminário).

70.
I Colóquio Direito e Estado: ?Direito, Estado e Terror?.O belicismo neoliberal: retórica democrática e unilateralismo hegemônico. Os desdobramentos estratégicos da invasão do Iraque. 2005. (Outra).

71.
Mesa-redonda: Relações Internacionais.O campo das relações internacionais no Brasil. 2005. (Seminário).

72.
Seminário ?Alianças Estratégicas para o Brasil: China e Índia?.Índia: padrão de desenvolvimento, inserção internacional, convergências possíveis. 2005. (Seminário).

73.
Seminário ?Estado e mercado: a OMC e a constituição (incerta) de uma ordem econômica global?.Expositor do tema ?Estado e mercado: a OMC e a constituição (incerta) de uma ordem econômica global?. 2005. (Seminário).

74.
XXIX Encontro Anual da Anpocs.Democracia no Brasil: notas para um balanço sóbrio. 2005. (Encontro).

75.
?Globalização e supranacionalidade? - Programa de Mestrado e Curso de Graduação em Direito da Universidade Católica de Santos.Expositor do tema ?Globalização e supranacionalidade?. 2004. (Outra).

76.
Seminário ?Quarenta anos do golpe de 64?.Os governos militares. 2004. (Seminário).

77.
Seminário ?René Dreifuss: o golpe de 1964 visto por dentro?.Bases sociais e dinâmica do golpe de 1964: a contribuição de René Dreifuss. 2004. (Seminário).

78.
Seminário Comemorativo do Vigésimo Aniversário da revista Lua Nova.As peripécias do número 4 na política brasileira. 2004. (Seminário).

79.
XXVIII Encontro Anual da Anpocs.Os grandes países da semiperiferia e o sistema internacional. 2004. (Seminário).

80.
Conferência ?Entre normas e fatos: desafios e dilemas da ordem internacional?.Entre normas e fatos: desafios e dilemas da ordem internacional. 2003. (Outra).

81.
III Colóquio Marx e Engels.O (novo?) imperialismo e a luta pelo socialismo hoje. 2003. (Outra).

82.
Jornada sobre a Alca.As negociações da ALCA e a democracia. 2003. (Outra).

83.
Simpósio ?Estado Atual das Negociações Comerciais: OMC e ALCA?.Comércio e coesão social. 2003. (Simpósio).

84.
VI Semana de Relações Internacionais.Conferência "O papel dos países emergentes no sistema internacional: Brasil, China, India, Rússia e África do Sul". 2003. (Encontro).

85.
XXVII Encontro Anual da Anpocs.Uma ordem imperial? Implicações para o Brasil. 2003. (Encontro).

86.
IV Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política.Economia e política no Brasil pós-FHC. 2002. (Encontro).

87.
IV Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política.Políticas públicas e reestruturação econômica. 2002. (Encontro).

88.
XXVI Encontro Anual da Anpocs.As raízes da crise na Argentina. 2002. (Encontro).

89.
II Encontro Nacional dos Estudantes de Ciência Política.O neoliberalismo como configuração institucional: desafios e possibilidades. 2001. (Encontro).

90.
Simpósio ?Expériences de Transition vers les Économies de Marché dans une Perspective Comparative?.Expositor do tema ?Crise économique et changement politique en Amérique Latine?. 1999. (Simpósio).

91.
Simpósio ?Éxperiences de Transition vers les Économies de Marché dans une Perspective Comparative?.Expositor do tema ?Un seul chemin? Les politiques liberales de réforme économique en Amérique Latine?. 1999. (Simpósio).

92.
Western Conference of the International Studies Association.Expositor do tema ?Another regard: on the gramscian approach to international organizations?. 1999. (Seminário).

93.
Mesa-redonda sobre ?Conflitos interetnicos em Kosovo e a ação militar da OTAN na Iugoslávia?.Expositor do tema ?A guerra da Iugoslávia?. 1998. (Outra).

94.
Seminário ?1968, 30 Anos Depois?.Significados da conjuntura de 1968 no Brasil. 1998. (Seminário).

95.
Seminário ?1978-1998: O ABC da Democracia?.Continuidade e ruptura no sistema mundial: a conjuntura de 78-80. 1998. (Seminário).

96.
Seminário ?Faces do Brasil Migrante?.Debatedor do tema "A política migratória nos Estados Unidos". 1998. (Seminário).

97.
Seminário ?State and Public Policies?.State and public policies: some comments. Comentário ao texto de Joachim Hirsch, apresentado no Seminário organizado pelo IEA. 1998. (Seminário).

98.
Conferência: Neoliberalismo: discurso e processo.Conferência: Neoliberalismo: discurso e processo, proferida no Centro Paula Souza de Educação Tecnológica, Secretaria de Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo. 1997. (Outra).

99.
Mesa-redonda ?Elites e democracia: uma contradição??.Expositor mesa-redonda promovida pela Fundação Konrad-Adenauer. 1997. (Outra).

100.
Mesa-redonda "Para abrir as ciências sociais".Comentário sobre o livro da Comissão Gulbenkian com este título em mesa-redonda promovida pelo Departamento de Sociologia do IFCH/Unicamp. 1997. (Outra).

101.
Seminário sobre Documento final da pesquisa ?Economia e política na Nova República?.Economia e política na Nova República.. 1997. (Seminário).

102.
Ciclo organizado pelo DCE/Unicamp.A crise do Estado no Brasil. 1993. (Outra).

103.
VII Congresso Estadual dos Sociólogos. 1992: uma crise singular, na mesa-redonda ?Crise Política: Ditadura e Democracia no Brasil?. 1993. (Congresso).

104.
Seminário do IFCH/Unicamp.Crise e mobilizações: o impeachment de Collor. 1992. (Seminário).

105.
Seminário interno do Cebrap.Política industrial e transição política no Brasil (documento de pesquisa).. 1992. (Seminário).

106.
Seminário interno da Área de Política do Cebrap.Notas sobre crise e ação empresarial. 1991. (Seminário).

107.
Seminário ?A Teoria da Regulação no Brasil?.Observações sobre a questão do Estado na teoria da regulação. 1990. (Seminário).

108.
Seminário do IFCH/Unicamp.Crise do Estado, desprivatização e conjuntura. 1990. (Seminário).

109.
Seminário Interno da Área de Política do Cebrap.A política industrial e o plano Collor. 1990. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CRUZ, S. C. V.. II Encontro Anual de Pós-Graduação do IFCH-Unicamp. 2006. (Outro).

2.
CRUZ, S. C. V.. Seminário ?Política e Economia no Brasil: obstáculos e alternativas para o desenvolvimento?. 2006. (Outro).

3.
CRUZ, S. C. V.. Seminário "Brasil 2000". 1999. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Gustavo Oliveira Teles de Menezes. A Política Externa Russa na Sérvia. Relações ierárquicas nos Balcãs. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em PPGRI UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Rúbia Marcussi Pontes. A política externa dos EUA nas doutrinas Bush e Obama: análise baseada na abordagem cognitiva. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

3.
Roberto Telles Lima Barros. Regionalismo Latino-Americano no Século XXI: análise comparada México e Brasil. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Programa San Tiago Dantas em Relações Internacionais -UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Matheus de Oliveira Pereira. Estado, Dívida Externa e Estabilização Heterodoxa. os alcances da autonomia na reestruturação da dívida externa argentina (2002-2015). Início: 2017. Tese (Doutorado em PPGRI UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas. (Orientador).

2.
Lívia Peres Milani. O BRASIL E A ARGENTINA NA AMÉRICA DO SUL: entre a afirmação do nacionalismo e a construção do regionalismo (2003-2015). Início: 2016. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Daniela Ivana Galli Mattiuada. A Federação Russa a Partir de 1991: um estudo sobre os vaivens na política. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa San Tiago Dantas em Relações Internacionais -UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

2.
Denis Matoszko fortes. A Federação Russa e a Crise Ucraniana de 2013-2014. entre o jogo das potências e as disputas históricas no "esterior próximo". 2017. Dissertação (Mestrado em PPGRI UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

3.
Rafael Murgi. A Internacionalização de Empresas Brasileiras na América do Sul: impactos da política externa recente e da integração regional. 2014. Dissertação (Mestrado em PPGRI UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

4.
Lucas Ribeiro Mesquita. Itamaraty, Partidos Políticos e Política Externa Brasileira: institucionalização de idéias nos governos FHC e Lula. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

5.
Tainá Dias Vicente. A aproximação entre os Estados Unidos e a Índia e o processo de negociação do acordo nuclear civil (2008). 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

6.
Kelly de Souza Ferreira. China e Ásia Central: petróleo, segurança e os Estados Unidos. 2012. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

7.
Carolina Cristina Loução Preto. Criador e criatura: os Estados Unidos e a Organização Mundial do Comércio. 2011. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

8.
Guilherme Stolle Paixão e Casarões. Revisitando a política externa do governo Collor: bases sociais e alinhamentos internacionais. 2011. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

9.
Patrícia Nogueira Rinaldi. Fundos soberanos de riqueza: instrumentos de avanço ou retrocesso da globalização financeira?. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

10.
Érika Laurinda Amusquivar. O papel da política de segurança dos Estados Unidos no sistema internacional no pós-Guerra Fria: o caso da OTAN. 2010. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

11.
Rodrigo Obici Lambert. O papel dos Estados Unidos na reconfiguração das estruturas dos regimes liberais: a reforma do mecanismo de solução de controvérsias da OMC. 2010. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

12.
Beatriz Junqueira Lage Carbone. A política comercial da União Europeia para organismos geneticamente modificados. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

13.
Gustavo Codas Friedmann. Globalização capitalista, desregulamentação dos direitos do trabalho e cláusulas sociais nos acordos comerciais internacionais. 2008. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

14.
Liliam Ane Cavalhieri da Cruz. O regime global da propriedade intelectual e a questão do desenvolvimento: o poder dos países em desenvolvimento no campo multilateral. 2008. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

15.
Solange Reis Ferreira. Alemanha reunificada: o debate nacional sobre política externa e identidade. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

16.
Cristiane Sanches de Souza Corrêa. Os regimes de investimento direto estrangeiro no Brasil: regulação e política externa nacional. 2007. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

17.
Roberto Goulart Menezes. A política externa brasileira sob o signo do neoliberalismo: diplomacia comercial, Mercosul e dubiedades. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

18.
Neusa Maria Pereira Bojikian. Liberalização econômica e acordos comerciais internacionais: o Brasil nas negociações do setor financeiro. 2006. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

19.
Ana Paula da Rocha-Lima Bentes. Da internacionalização do mercado ao globalismo: a trajetória do pensamento de FHC. 2006. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

20.
Christiana Galvão Ferreira de Freitas Leitão. O Tribunal Penal Internacional Permanente e a proteção dos direitos humanos: o debate sobre a ratificação do Tratado no Brasil em perspectiva comparada. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

21.
Feliciano de Sá Guimarães. A Rodada Uruguai do GATT (1986-1994) e a política externa brasileira: acordos assimétricos, coerção e coalizões. 2005. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

22.
Demetrius Cesário Pereira. União Europeia: a política externa e de segurança comum em um mundo unipolar. 2005. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Programa San Tiago Dantas (UNESP/UNICAMP/PUC-SP) Unicamp, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

23.
Tiago Bahia Losso. Francisco Campos e o Estado Novo ? Discurso e prática política (1920-1940). 2000. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

24.
José Marcio Rebolho Rego. Teoria da dependência e teoria da inflação inercial. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

25.
Ricardo Alaggio Ribeiro. Engenharia militar no Brasil. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

26.
José Marcos Nayme Novelli. IBurocracia, dirigentes estatais e ideias econômicas: um estudo de caso do Banco Central do Brasil (1965-1998). 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

27.
José Carlos Vieira. Democracia e direitos humanos. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

28.
Pedro Paulo Zahluth Bastos. A revolta dos rentistas: notas sobre a política dos objetivos econômicos nacionais na era da transnacionalização capitalista. 1996. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

29.
Regina Coeli Moreira Camargos. Estado e empreiteiros no Brasil: uma análise setorial. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

30.
Alberto Tosi Rodrigues. Mobilização e conflito político: a Campanha das Diretas Já. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

31.
Celene Tonella. Poder local, partidos e eleições na reedição do pluripartidarismo em 1979/1988: um estudo de caso. 1991. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

32.
Dennison de Oliveira. Estado e mercado na radiodifusão. 1990. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

33.
Marlos Bessa Mendes da Rocha. Educação conformada: a política pública da educação (1930-1945). 1990. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

Tese de doutorado
1.
Neusa Maria Pereira Boijkian. Os Estados Unidos e a Governança do Comércio de Serviços. Do GATS-Rodada Uruguai aos grandes acordos preferenciais. 2017. Tese (Doutorado em PPGRI UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

2.
Fernando Luz Brancoli. Companhias Privadas de Segurança no Sul Global: narrativas de privatização da violência e construção de ameaças na Líbia e no Afeganistão. 2016. Tese (Doutorado em Relações Internacionais (Unesp/Unicamp/Puc-Sp)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

3.
Carolina Cristina Loução Preto. Os EUA e o Órgão de Solução de Controvérsias (OSC) da OMC: Um estudo sobre a participação dos EUA na criação e no uso do OSC da Organização Mundial do Comércio,. 2016. Tese (Doutorado em Relações Internacionais) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

4.
Rodrigo Maschion Alves. Crise, poderes, interesses e estratégias: o G-20 e a governança monetária e financeira contemporânea. 2015. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

5.
Thiago Lima da Silva. A resiliência da política de subsídios agrícolas nos Estados Unidos. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

6.
Filipe Almeida do Prado Mendonça. A Face Multilateral do Unilateralismo: a reciprocidde na história comeercial dos Estados Unidos. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

7.
Solange Reis Ferreira. Grande estratégia e ordem regional: a política de energia dos Estados Unidos na Ásia Central e no Cáucaso. 2013. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

8.
Ana Paula Maielo Silva. A Política Palestina: construção, dinâmica e desdobramentos. 2012. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

9.
Carolina Cristina Loução Preto. A Política Comercial dos Estados Unidos e a OMC. os contenciosos comerciais e o órgão de solução de disputas. 2012. Tese (Doutorado em PPGRI UNESP/UNICAMP/PUC-SP) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

10.
Karen Fernandez Costa. Metamorfoses: o papel do BNDES no reordenamento da economia. 2011. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

11.
Adriano Nervo Codato. Elites e instituições no Brasil: uma análise contextual do Estado Novo. 2008. 0 f. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

12.
José Marcos Nayme Novelli. Inflação e desinflação: coalizões, conflitos e instituições no Brasil e em outros países. 2007. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

13.
Alessandro André Leme. A reforma no setor elétrico brasileiro: uma abordagem acerca de seus fundamentos e de sua nova estrutura de regulação. 2007. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

14.
Marcelo Santos. O poder norte-americano e a América Latina no pós-Guerra Fria. 2006. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

15.
Ricardo Alaggio Ribeiro. A Aliança para o Progresso e as relações Brasil-Estados Unidos. 2006. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

16.
Alvaro Gabriel Bianchi Mendez. O ministério dos industriais. A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo na crise das décadas de 1980 e 1990. 2004. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

17.
Denise Barbosa Gros. Institutos Liberais e neoliberalismo no Brasil da Nova República. 2002. 0 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

18.
Jaime Cesar Coelho. Economia, poder e influência externa: o grupo Banco Mundial e as políticas de ajustes estruturais na América Latina, nas décadas de oitenta e noventa. 2002. 0 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

19.
Aluisio Almeida Schumacher. Comunicação e democracia: fundamentos pragmático-formais e implicações jurídico-políticas da teoria da ação comunicativa. 2000. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

20.
Alberto Tosi Rodrigues. A democracia que nos coube. Mobilizações, crises e transição no Brasil, 1984-1992. 1999. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

21.
Dennison de Oliveira. A política do planejamento urbano: o caso de Curitiba. 1995. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, . Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Marcelo Santos. 2010. Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.

Iniciação científica
1.
Letícia Lorena. Política cambial e conflitos no Brasil: uma análise do debate sobre a sobrevalorização do real. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência Política) - Universidade Estadual de Campinas. Orientador: Sebastiao Carlos Velasco e Cruz.



Inovação



Projetos de pesquisa


Outras informações relevantes


Bolsa de Produtividade em Pesquisa do CNPq a partir de 1978; FAPESP - O poder norte-americano e a América Latina no pós-Guerra Fria ? Auxílio Publicação ? Processo 2007/51143-5 ? Valor: R$5.200,00 ? 07/2007-2008; FAPESP - Liberalização econômica e acordos comerciais internacionais: o Brasil nas negociações do setor financeiro (Pesquisa Básica). Auxilio-Publicação ? Processo 2008/58823-4 ? Valor: R$ 4.433,51 ? 05/2009-2010; Professor convidado da Universidade Paris I (Sorbonne), 01-30 de maio de 2011



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/10/2018 às 19:24:14