Valdemar Waingort Setzer

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5473948356552132
  • Última atualização do currículo em 19/11/2008


Graduou-se em Engenharia Eletrônica no Instituto Tecnológico de Aeronáutica (1963) e fez doutorado em Matemática Aplicada pela Escola Politécnica da USP (1967). Fez Livre-docência (1976) e tornou-se Prof. Adjunto (1986) e Prof. Titular (1992) no Depto. de Ciência da Computação do Instituto de Matemática e Estatística da USP, onde aposentou-se em 1995, mas onde continua atuando orientando alunos e dando aulas. Foi consultor da PRODESP, da PRODAM e da PCA Engenharia de Software. Tem exercido estensa atividade como palestrante, sobre história e aspectos filosóficos da computação, meios eletrônicos e educação e questões filosóficas da tecnologia. É membro da Sociedade Antroposófica desde 1971, e de sua Classe I desde 1980, sendo seu webmaster. Em sua juventude foi o flautista solista da antiga Orquestra de Câmara de São Paulo, sob o regência de Olivier Toni. É radioamador classe A (PY2EH), atualmente inativo. Seu site contém inúmeros artigos sobre vários assuntos e recursos educacionais em computação. Foi fundador e diretor do Centro de Computação Eletrônica da USP (CCE), a quem deu esse nome, fundador e diretor do Centro de Ensino de Computação do IME, chefe dos departamentos de Matemática Aplicada e de Ciência da Computação do IME, Presidente da Comissão de Graduação do IME, membro da Comissão de Pós-graduação do IME e do Conselho Universitário da USP. Este Currículo Lattes ainda está em elaboração. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Valdemar Waingort Setzer
Nome em citações bibliográficas
SETZER, V.W.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto de Matemática e Estatistica da USP.
Cidade Universitária
Butantã
01498-000 - Sao Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30916134
URL da Homepage: http://www.ime.usp.br


Formação acadêmica/titulação


1964 - 1967
Doutorado em Matemática Aplicada.
Escola Politécnica da USP.
Título: FUSP - um Compilador para Fortran com Programa-objeto Codificado, Ano de obtenção: 1967.
Orientador: Ivan Barros.
1959 - 1963
Graduação em Engenharia Eletrônica.
Instituto Tecnológico de Aeronática.
Título: Um computador digital educacional.
Orientador: Richard Wallauschek.
Bolsista do(a): Miinistério da Aeronáutica.


Pós-doutorado e Livre-docência


1976
Livre-docência.
Instituto de Matemática e Estatistica da USP.
Título: Desenvolvimento Formal de Programas de Acesso a Bancos de Dados Relacionais, Ano de obtenção: 1976.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Banco de Dados.
1969 - 1971
Pós-Doutorado.
University of Texas at Austin.
Bolsista do(a): Bolsa Castelo Branco da UT.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Banco de Dados.


Atuação Profissional



Instituto de Matemática e Estatistica da USP, IME-USP, Brasil.
Vínculo institucional

1992 - 1995
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Titular, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Aposentou-se em 1995.


Insitut für Informatik, Universität Marburg, IF, Alemanha.
Vínculo institucional

1991 - 1991
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador visitante, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Institut für Informatik, Universität Stuttgart, IF, Alemanha.
Vínculo institucional

1979 - 1980
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Visitante, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


University of Texas at Austin, UT, Estados Unidos.
Vínculo institucional

1970 - 1971
Vínculo: Professor vistante, Enquadramento Funcional: Assistant Porfessor, Carga horária: 24



Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Ensino-Aprendizagem/Especialidade: Tecnologia Educacional.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação/Especialidade: Banco de Dados.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Sistemas de Computação/Especialidade: Software Básico.
4.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação/Especialidade: Engenharia de Software.
5.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Educação em Computação.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Alemão
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Russo
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.
Hebraico
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SETZER, V.W.2001SETZER, V.W.. People are not machines. Pragmatics & Cognition, v. 9, p. 293-312, 2001.

2.
SETZER, V.W.1990SETZER, V.W.; Hirata Jr., R. . Dia da Computação: um sistema educacional para uma introdução rápida ao computador e à computação. Ciência e Cultura (SBPC), v. 42, p. 333-340, 1990.

3.
SETZER, V.W.1979SETZER, V.W.. Non-recursive top-down syntax analisys. Software, Practice & Experience, v. 9, p. 233-245, 1979.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
SETZER, V.W.. Bancos de Dados: O que são, melhore seus conhecimentos, construa os seus. São Paulo: Edgard Blücher, 2005. v. 1. 380p .

2.
SETZER, V.W.. Meios Eetrônicos e Educação -- Uma visão alternativa. 3. ed. São Paulo: Editora Escrituras, 2005. 283p .

3.
SETZER, V.W.; Nassu, E.A. . Bancos de Dados Orientados a Objetos. São Paulo: Edgard Blücher, 1999. 122p .

4.
SETZER, V.W.; Kon, F. . A Rede Internet e seu Uso. São Paulo: Edgard Blücher, 1995. 115p .

5.
SETZER, V.W.. Tietokoneet ja Kouluikäiset? Väitteitä ja Perusteluja. Tampere: Heikki Harjunen, 1993. 105p .

6.
SETZER, V.W.; Terada, R. . Introdução à Computação e à Construção de Algoritmos. São Paulo: Makron Books, 1992. 141p .

7.
SETZER, V.W.. Computer in der Schule? Thesen und Argumente. Stuttgart: Verlag Freies Geistesleben, 1992. 137p .

8.
SETZER, V.W.. Computers in Education. Edinburgh: Floris Books, 1989. 78p .

9.
Chaves, E. ; SETZER, V.W. . O Uso de Computadores em Escolas: Fundamentos e Críticas. São Paulo: Scipione, 1987. 127p .

10.
SETZER, V.W.. Bancos de Dados: Conceitos, Modelos, Gerenciadores, Projeto Lógico e Projeto Físico. 3. ed. São Paulo: Edgard Blücher, 1986. 289p .

11.
SETZER, V.W.. Projeto Lógico e Projeto Físico de Bancos de Dados. Belo Horizonte: V Escola de Computação, 1986. 287p .

12.
SETZER, V.W.. Manifesto contra o Uso de Computadores no Ensino de 1o. Grau. São Paulo: Editora Antroposófica, 1984. 28p .

13.
SETZER, V.W.; Homem de Melo, I.S. . A Construção de um Compilador. Rio de Janeiro: Campus, 1982. 175p .

14.
SETZER, V.W.; Homem de Melo, I.S. . A Construção de um Compilador. Campinas: II Escola de Computação, 1981. v. 2. 280p .

15.
SETZER, V.W.; Simon, I. ; Kowaltowski, T. . Curso de FORTRAN IV Básico. Stuttgart: Edgard Blücher, 1972. 120p .

Capítulos de livros publicados
1.
SETZER, V.W.. Os meios eletrônicos e a educação: televisão, jogos eletrônico e computador. In: Friedman, A.; Craemer, U.. (Org.). Caminhos para uma Aliança pela Infância.. São Paulo: Aliança pela Infância, 2003, v. , p. 135-152.

2.
SETZER, V.W.. Are human beings machines?. In: Cruse, D., Zimmer, R.. (Org.). Evolution and the new Gnosis - Anti-establishment Essays on Knowledge Science, Religion and Causal Logic. San José: Writers Club Press, 2002, v. , p. 263-275.

3.
SETZER, V.W.; MONKE, L. . Challenging the Applications: An Alternative View on Why, When and How Computers Should Be Used in Education. In: Muffoletto, R. (Org.). Education and Technology: Critical and Reflective Practices. Cresskill, NJ: Hampton Press, 2001, v. , p. 141-172.

4.
SETZER, V.W.. Computadores na educação: por que, quando e como. In: Rudolf Lanz. (Org.). A Pedagogia Waldorf -- Caminho para um ensino mais humano. 6ed.São Paulo: Editora Antroposófica, 1998, v. , p. 206-227.

5.
SETZER, V.W.. Os riscos dos jogos eletrônicos na idade infantil e juvenil. In: Rudolf Lanz. (Org.). A Pedagogia Waldorf -- Caminho para um ensino mais humano. 6ed.São Paulo: Editora Antroposófica, 1998, v. , p. 228-239.

6.
SETZER, V.W.; Carvalheiro, F.H. . Algoritmos e sua análise. In: Sociedade Brasileira de Matemática. (Org.). Caderno da RPM, Vol. 4, N. 1. São Paulo: Sociedade Brasileira de Matemática, 1993, v. , p. 1-26.

7.
SETZER, V.W.; Hirata Jr., R. . O Dia da Computação. In: Sociedade Brasileira de Matemática. (Org.). Caderno da RPM, Vol. 4, N. 1. São Paulo: Sociedade Brasileira de Matemática, 1993, v. , p. 27-38.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SETZER, V.W.. AI - Artificial Intelligence or Automated Imbecility? Can machines think and feel?. In: 5th International Conference on Information Systems and Technology Management, 2008, São Paulo. 5th CONTECSI. São Paulo: Information Systems and Technology Research Lab, 2008. p. 4690-4740.

2.
SETZER, V.W.. Considerações sobre o projeto "Um laptop por criança". In: 4th CONTECSI - International Conference on Information Sysytems and Technology Management, 2007, São Paulo. Proceedings of the 4th International Conference on Information Sysytems and Technology Management. São Paulo: TECSI - Laboratório de Tecnologia de Sistemas de Informação, USP, 2007. p. 4060-4083.

3.
SETZER, V.W.. Data, information, knowledge and competence. In: 3rd CONTECSI - International Conference on Information Systems and Technology Management, 2006, São Paulo. Proceedings of the 3rd International Conference on Information Sysytems and Technology Management. São Paulo: TECSI - Laboratório de Tecnologia e Sisitemas de Informação, 2006. p. 1676-1695.

4.
SETZER, V.W.. Uma revisão de argumentos a favor do uso de computadores na educação elementar.. In: IX Simpósio de Informática na Educação, 1998, Fortaleza. Anais do IX Simpósio de Informática na Educação. Fortaleza: Sociedade Brasileira de Computação, 1998.

5.
SETZER, V.W.. O Computador como instrumento de anti-arte. In: VIII Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, 1997, São José dos Campos. Anais do VIII Simpósio Brasileiro de Informática na Educação. São José dos Campos: Sociedade Brasileira de Computação, 1997.

6.
SETZER, V.W.; Biazzi, M.R. . Valores vazios no modelo relacional de dados: uma proposta de implementação. In: Simposio Latinoamericano de Informática, 1995, Cidade do México. Anales del Simposio Latinoamericano de Informática. Ciudad de México, 1995.

7.
SETZER, V.W.; Zisman, A. . New concurrency control algorithms for accessing and compacting B-Trees. In: 20th International Conference on Very Large Data Bases (VLDB), 1994, Santiago. 20th International Conference on Very Large Data Bases (VLDB), 1994. p. 238-248.

8.
SETZER, V.W.. Auto-relacionamentos de grau variável. In: 4o. Simpósio Brasileiro de Bancos de Dados, 1989, Campinas. 4o. Simpósio Brasileiro de Bancos de Dados. Campinas: Sociedade Brasileira de Computação, 1989. p. 110-118.

9.
SETZER, V.W.. The Computerized Society: new Life or Destruction?. In: Information Technology and Society: Theory - Uses - Impacts, 1989, Lisboa. Information Technology and Society: Theory - Uses - Impacts. Lisboa: Sociedade Portuguesa de Filosofia, 1989. p. 531-541.

10.
SETZER, V.W.. Um sistema simples para documentação semi-automática de programas. In: II Simpósio Brasileiro de Engenharia de Software, 1988. II Simpósio Brasileiro de Engenharia de Software, 1988.

11.
SETZER, V.W.; Lapyda, R. . Design of data models for the ADABAS system using the E-R approach. In: Entity-Relationship Approach to Information Modeling and Analysis., 1983, Cincinaty. Entity-Relationship Approach to Information Modeling and Analysis., 1983. p. 321-338.

12.
SETZER, V.W.; Lapyda, R. . Program development by transformations applied to relational database queries. In: 5th International Conference on Very Large Data Bases (VLDB), 1979, Rio de Janeiro. 5th International Conference on Very Large Data Bases (VLDB), 1979. p. 436-443.

13.
SETZER, V.W.. O computador como instrumento do cientificismo. In: I Simpósio Anual da Academia de Ciências do E.S.Paulo, 1976, São Paulo. Anais do I Simpósio Anual da Academia de Ciências do E.S.Paulo. São Paulo: Academia de Ciências do E.S.Paulo, 1976. p. 69-88.

14.
SETZER, V.W.; Warlick, C.M. . A unified approach to compiler theory and construction. In: Information Processing 71 (IFIP), 1972, Liubliana. Information Processing 71. Amsterdam: North Holland, 1971. p. 1523-1542.


Produção técnica
Programas de computador sem registro
1.
SETZER, V.W.; Hirata Jr., R. . Simulador do Computador Hipotético HIPO. 2000.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SETZER, V.W.. Meios eletrônicos e educação. 2008. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
SETZER, V.W.; Meyer, R.C. . Simple syntax graphs, their parse with automatic error recovery and and ANSI C simple syntax graph. 1990. (Relatório de pesquisa).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Edgard Pevidor de Miranda. Desenvolvimento de bancos de dados para a Internet. Início: 2008. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Gustavo Henrique Braga. Um gerador gráfico de analisadores sintáticos. Início: 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Bacahrelado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Yen Chin Shen. Por que usar bancos de dados orientados a objetos?. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

2.
Sérgio Linares Filho. Análise de requisitos de software baseada em modelagem conceitual de dados e protótipos. 2005. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Informação) - Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

3.
Magda A.S. Duro. Análise Orientada a Entidade-Objeto. 1998. Dissertação (Mestrado em Informatica) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

4.
Eugênio A. Nassu. Bancos de Dados Orientados a Objetos e uma Proposta para um Modelo Conceitual. 1997. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

5.
Sérgio Borger. Introdução às redes IP, sua gerencia e análise de desempenho usando Coordenadas Paralelas. 1997. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

6.
Maristella Ribas Biazzi. Valores Nulos e o Modelo Relacional com Incerteza. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

7.
Andréa Zisman. Árvores-B e uma Proposta de Implementação. 1993. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

8.
Roberto C. Mayer. Sistemas para o desenvolvimento de interfaces de usuário. 1992. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

9.
Satoshi Nagayama. Tabelas de Decisão e Implementação do Gerador I-M-E. 1991. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, Banco do Brasil. Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

10.
Isabel Helena Coelho Soares. Métodos de Hashing Externo. 1988. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

11.
Duarte Lopes de Oliveira. Aspectos Teóricos do Modelo Relacional de Dados e Projeto de Relações. 1988. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto Tecnológico de Aeronática, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

12.
Alan Mitchell Durham. Análise Sintática e Recuperação de Erros em Linguagens Determinísticas. 1987. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

13.
Maria Elisabete Bruno Vivian. Eliminação de recursão em programas. 1977. Dissertação (Mestrado em Matemática Aplicada) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

14.
José Marcílio Sanches. Portabilidade de programas. 1977. Dissertação (Mestrado em Matemática Aplicada) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

15.
Rená Lapyda. O modelo conceitual de bancos de dados. 1977. Dissertação (Mestrado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

16.
Siang Wun Song. LISP 1.5 e uma implementacao no sistema B-6700. 1975. Dissertação (Mestrado em Matemática Aplicada) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

17.
Routo Terada. Linguagens Determinísticas. 1975. Dissertação (Mestrado em Matemática Aplicada) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

18.
Istvan Simon. Sistemas de programação (?). 1972. Dissertação (Mestrado em Matemática Aplicada) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP, . Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Alexandre Pitta Rodrigues, Julien Renaut, Yugo Watari. Sistema de Gerenciamento de Competências (SIGECO). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacahrelado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP. Orientador: Valdemar Waingort Setzer.

2.
Luiz Fernando dos Santos Pereira. ASIN - Um gerador gráfico de analisadores sintáticos. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Bacahrelado em Ciência da Computação) - Instituto de Matemática e Estatistica da USP. Orientador: Valdemar Waingort Setzer.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/10/2018 às 4:19:22