Helder Mateus Viana Espírito Santo

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6941336635055338
  • Última atualização do currículo em 11/10/2018


Professor Visitante no Programa de Pós-Graduação em Ecologia Aquática e Pesca (PPGEAP) da Universidade Federal do Pará (UFPA), em Belém, Pará. Sou doutor em Ecologia, com experiência em Ecologia de Peixes. Tenho curiosidade infinita, afinidade com números e um prazer imenso em observar a natureza. Provavelmente por isso me tornei um ecólogo de campo que utiliza modelagem estatística para entender processos naturais. Uso conceitos de ecologia comportamental e de história natural para entender a dinâmica de comunidades e populações de peixes, principalmente os peixes de pequeno porte, pouco conhecidos pela ciência e pela sociedade. Tenho experiência docente em temas relacionados a estatística, ecologia de campo e ictiologia. Destaco longa experiência em cursos de campo, atuando em diferentes Biomas Brasileiros, como a Amazônia (PPGECO, INPA/PDBFF), Caatinga (PPGECO, UFRN) e Pantanal (PPGECB, UFMT). E também recorrentes disciplinas e workshops sobre linguagem de programação usando o software livre R. Sou revisor de vários periódicos científicos nacionais e internacionais e editor de área na Acta Amazonica. Minhas atuações profissionais mais recentes foram um Pós-Doutorado (PNPD/CAPES) na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (2017-2018) e um Pós-doutorado (Bolsa PDJ/CNPq) no Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (2015-2016). Para chegar até aqui, me graduei em Zootecnia (2004) pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) e concluí Mestrado (2007) e Doutorado (2015) em Ecologia pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), com estágio doutoral (PDSE/CAPES) na Universitè du Québec à Trois-Rivières, Canadá. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Helder Mateus Viana Espírito Santo
Nome em citações bibliográficas
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana;ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA;Espírito Santo, Helder M. V.;ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.;Espírito-Santo, Helder M.V.;Espírito-Santo, Helder

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Coordenação de Biodiversidade.
AV. ANDRÉ ARAÚJO 2936
ALEIXO
69011970 - Manaus, AM - Brasil - Caixa-postal: 478
Telefone: (92) 36431912
Fax: (92) 36431909
URL da Homepage: https://sites.google.com/site/sitedoheldo/


Formação acadêmica/titulação


2010 - 2015
Doutorado em Biologia (Ecologia).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
com período sanduíche em Université du Québec à Trois-Rivières (Orientador: Marco A. Rodríguez).
Título: Cuidado onde pisa: poças temporárias tem importante papel na ecologia de peixes em igarapés de terra firme na Amazônia, Ano de obtenção: 2015.
Orientador: Jansen Alfredo Sampaio Zuanon.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2005 - 2007
Mestrado em Biologia (Ecologia).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Título: Variação temporal da ictiofauna em igarapés de terra firme, Reserva Ducke, Amazonas,Ano de Obtenção: 2007.
Orientador: William Ernest Magnusson.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Ecologia de comunidades; peixes de riacho; igarapes de terra firme; Variacao temporal.
Grande área: Ciências Biológicas
1999 - 2004
Graduação em Zootecnia.
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Título: Motivos, Vantagens e Riscos do Cultivo de Espécies Não Nativas.
Orientador: Paulo De Marco Jr.
Bolsista do(a): Fundo Nacional do Meio Ambiente, FNMA, Brasil.


Pós-doutorado


2017 - 2018
Pós-Doutorado.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas / Especialidade: Ecologia de Peixes de Água Doce.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia.
2015 - 2016
Pós-Doutorado.
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Comportamento Animal.


Formação Complementar


2017 - 2017
Modelos de Nicho e Distribuição de Espécies. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2015 - 2015
Advanced Statistics. (Carga horária: 48h).
University of Hawaii, UH, Estados Unidos.
2012 - 2012
Bayesian Population Analysis using WinBUGS. (Carga horária: 40h).
Mediterranean Institute for Advanced Studies, IMEDEA, Espanha.
2011 - 2011
Fotografia de Peixes. (Carga horária: 8h).
Sociedade Brasileira de Ictiologia, SBI, Brasil.
2010 - 2010
Gestão de Recursos Hídricos - Bacia do Tarumã-Açu. (Carga horária: 25h).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
2008 - 2008
Indentificação de insetos aquáticos. (Carga horária: 16h).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto A, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Docente colaborador, Carga horária: 4

Vínculo institucional

2017 - 2018
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Pós-Doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2018 - 07/2018
Ensino, Ecologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de Campo
03/2018 - 07/2018
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ictiologia
03/2018 - 03/2018
Ensino, Ecologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Ecologia - Introdução ao R - Carga Horária 60h
03/2017 - 06/2017
Ensino, Ecologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de Campo - Carga Horária 60h
05/2017 - 05/2017
Ensino, Ecologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de Campo - Carga Horária 75h
03/2017 - 03/2017
Ensino, Ecologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Ecologia - Introdução ao R - Carga Horária 30h
04/2015 - 04/2015
Ensino, Ecologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Bioestatística - Módulo de introdução à linguagem do R - Carga Horária 45h

Australian National University, ANU, Austrália.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Pesquisador Visitante, Enquadramento Funcional: Visitante, Carga horária: 40


Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Pós-Doutorado, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2010 - 2015
Vínculo: Bolsista de Doutorado, Enquadramento Funcional: Bolsista de Pós-Graduação/Doutorado, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2007 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista PCI MCT/INPA, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Bolsista Mestrado, Enquadramento Funcional: Bolsista de Pós-Graduação/Mestrado, Carga horária: 40

Atividades

03/2015 - 03/2015
Ensino, Biologia de Água Doce e Pesca Interior, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
A Linguagem R - Atuação como professor responsável - Carga horária 30h
05/2014 - 06/2014
Ensino, Biologia (Ecologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de Campo - Atuação como professor colaborador - Carga Horária 30h
05/2013 - 05/2013
Ensino, Biologia (Ecologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de Campo - Atuação como professor colaborador - Carga Horária 30h
03/2013 - 03/2013
Ensino, Biologia (Ecologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Preparação de dados para análises estatísticas - Atuação como professor colaborador - Carga Horária 30h
11/2012 - 11/2012
Ensino, Biologia de Água Doce e Pesca Interior, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
A linguagem do R - Atuação como professor colaborador - Carga Horária 30h
04/2011 - 03/2012
Conselhos, Comissões e Consultoria, Coordenação de Pesquisas em Ecologia, .

Cargo ou função
Representante Discente no Conselho do Curso de Pós-Graduação em Ecologia.
11/2011 - 12/2011
Ensino, Biodiversidade Tropical - Unifap, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Oficina de Análise e Publicação Dados (Procad-NF/Capes, PPG-Ecologia/INPA) - Carga Horária 40h
04/2011 - 06/2011
Ensino, Biologia (Graduação UFAM), Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Vertebrados 1 (Universidade Federal do Amazonas) - Atuação como professor convidado - Carga Horária 10h
08/2009 - 08/2009
Ensino, Biologia (Ecologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
XVIII Curso de campo "Ecologia da Floresta Amazônica - EFA" - Atuação como Professor Convidado - 80h
07/2009 - 07/2009
Ensino, Biologia (Graduação UFAM), Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
"VII Curso de Fragmentação na Paisagem Amazônica" - Atuação como professor convidado - Carga Horária 40h
04/2009 - 04/2009
Ensino, Biologia (Graduação UFAM), Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
"VIII Curso de Fragmentação da Paisagem Amazônica" (INPA/PDBFF/UFAM) - Atuação como professor convidado - Carga Horária 40h
03/2008 - 03/2008
Ensino, Biologia (Graduação UFAM), Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
"VII Curso de Fragmentação na Paisagem Amazônica" (INPA/PDBFF/UFAM, Fazenda Dimona, AM) - Atuação como professor convidado - Carga horária 40h
03/2006 - 03/2007
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Ecologia, Coordenação de Pesquisas em Ecologia.

Cargo ou função
Representante Discente suplente no Conselho do Curso de Pós-Graduação em Ecologia.

Université du Québec à Trois-Rivières, UQTR, Canadá.
Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Doutorado Sanduíche (PDSE/CAPES), Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Bolsista BSP MCT/INPA, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 40
Outras informações
Durante o período, realizei com o Dr. Marco A. Rodríguez análise de dados coletados sobre uso de habitat por peixes em riachos da Amazônia brasileira. Este estágio resultou na produção do artigo Espírito-Santo, Rodríguez e Zuanon, 2013, citado neste curriculum.


Universidade Federal de Mato Grosso, UFMT, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor convidado

Atividades

11/2016 - 11/2016
Ensino, Ecologia e Conservação da Biodiversidade, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de campo - Carga Horária 64h

Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Profissional, Enquadramento Funcional: Bolsista de Aperfeiçoamento, Carga horária: 40

Vínculo institucional

1999 - 2004
Vínculo: Graduando em Zootecnia, Enquadramento Funcional: Estudante, Carga horária: 0

Atividades

2/2004 - 7/2004
Estágios , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia Geral.

Estágio realizado
Bolsista de aperfeiçoamento no projeto "Ecologia de Peixes Exóticos no Médio Rio Doce" financiado pelo Fundo Nacional do Meio Ambiente através do Edital 04/2001..
10/2002 - 1/2004
Estágios , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia Geral.

Estágio realizado
Estagiário bolsista de iniciação cientifica do projeto "Ecologia de Peixes Exóticos no Médio Rio Doce" financiado pelo Fundo Nacional do Meio Ambiente através do Edital 04/2001..
9/2003 - 9/2003
Estágios , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia Geral.

Estágio realizado
Atividade de campo no projeto "Hots-Spots de Biodiversidade de Odonata Etapa II, Definição de Áreas Prioritárias Para Levantamento e Para Conservação no Estado da Bahia"..
7/2003 - 7/2003
Extensão universitária , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia Geral.

Atividade de extensão realizada
Palestra ministrada na Semana do Fazendeiro da Universidade Federal de Viçosa com título: "O Cultivo de Espécies Não Nativas: Motivos, Vantagens e Riscos"..
7/2003 - 7/2003
Extensão universitária , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia Geral.

Atividade de extensão realizada
Palestra ministrada durante a disciplina Ecologia Geral (BIO 132), ao alunos de graduação dos cursos de Zootecnia, Medicina Veterinária e Engenharia de Produção da Universidade Federal de Viçosa. As palestras foram ministradas durante 4 dias, perfazendo u.
5/2001 - 6/2002
Estágios , Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Zootecnia.

Estágio realizado
Acompanhamento e desenvolvimento de experimento relacionado a exigência nutricional, manejo reprodutivo e produtivo do rebanho de suínos do Setor de Suinocutura..
2/2001 - 5/2002
Direção e administração, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Zootecnia.

Cargo ou função
Diretor do Conselho Fisco-Curador da Gestão 2001 da Empresa Jr. de Zootecnia.
2000 - 2001
Estágios , Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Departamento de Biologia Geral.

Estágio realizado
Acompanhamento de experimento relacionado à nutrição de carpa capim (Ctenopharyngodon idella) em fase de crescimento inicial em tanques de cultivo..
2000 - 2001
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Zootecnia.

Cargo ou função
Diretor financeiro do Centro Acadêmico do curso de Zootecnia.


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Evolução, história natural e conservação de peixes rivulídeos não-anuais do gênero Kryptolebias (Actinopterygii: Cyprinodontiformes: Rivulidae)
Descrição: Os rivulídeos são os vertebrados com o maior número de espécies ameaçados do Brasil, além de apresentarem várias espécies classificadas como Deficiente de Dados ou Quase Ameaçadas. No entanto, a maior parte dos estudos envolvem a sistemática da família, e informações sobre a biologia e ecologia do grupo, tanto de fatores macroevolutivos (padrões biogeográficos, dispersão de linhagens), assim como microevolutivos (diversidade genética, capacidade dispersiva, modo reprodutivo e comportamento) ainda são ainda escassos. Nesta proposta, pretendemos fazer estudos moleculares (genética e epigenética), de biologia reprodutiva, comportamento e ecologia espacial, integrando diferentes abordagens biológicas no intuito de sanar tal deficiência de informação. Aprofundaremos no gênero Kryptolebias, um grupo de peixes não-anuais das bacias costeiras atlânticas, com diferentes requerimentos ecológicos, hábitats, modos reprodutivos, bem como diferentes graus de vulnerabilidade à extinção...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Helder Mateus Viana Espírito Santo - Integrante / LIMA, SERGIO M. Q. - Coordenador / Waldir Miron Berbel-Filho - Integrante / Mateus Germano Souza Lira - Integrante / Andrei Tatarenkov - Integrante / Ana Carolina Luchiari - Integrante.
2016 - Atual
Modelagem de nicho, uso de habitat e comportamento de rivulídeos do manguezal (Cyprinodontiformes, Cynolebiidae, Kryptolebias)
Descrição: Os rivulus do manguezal ocorrem em uma extensa área geográfica, da Flórida ao Sul do Brasil. Três espécies são formalmente conhecidas através da taxonomia, mas recentes estudos moleculares apontam para a existência de quatro grupos genéticos distintos, sendo dois exclusivamente brasileiros: K. hermaphdoritus e K. ocellatus. Neste projeto pretendemos (1) entender atributos básicos de ecologia destes peixes, como uso de habitat, alimentação, movimentação, dinâmica populacional; (2) fatores que afetam sua distribuição em escala de bacia e em escala biogeográfica; (3) modelar a distribuição das espécies e fazer amostragens de campo para entender seus limites de distribuição..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Helder Mateus Viana Espírito Santo - Coordenador / Jansen Zuanon - Integrante / Sergio Maia Queiroz Lima - Integrante / Waldir Miron Berbel-Filho - Integrante / Mateus Germano Souza Lira - Integrante / Andrei Tatarenkov - Integrante / Átila Dantas Escossia de Melo - Integrante / Ana Beatriz Alves Bennemann - Integrante / Yuri Gomes abrantes - Integrante.Financiador(es): National Geographic Society - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2
2015 - Atual
Efeitos do ambiente e do comportamento individual sobre o uso de poças temporárias por peixes amazônicos
Descrição: A seleção de habitat é o processo no qual as decisões dos organismos quanto ao uso do espaço buscam maximizar o ganho energético e reduzir a chance de morte. Estas decisões podem ser afetadas por fatores externos ao organismo, como a qualidade do habitat, ou por fatores intrínsecos, como os traços individuais da personalidade. Neste projeto, analisaremos o papel das mudanças ambientais e da personalidade dos peixes sobre suas taxas de movimentação e a probabilidade de sobrevivência em poças temporárias em uma floresta de terra-firme da Amazônia. Usaremos experimentos de marcação-e-recaptura em ambientes semi-naturais e obteremos dados de personalidade em ensaios de aquários. Obteremos os parâmetros populacionais baseados em modelos hierárquicos aplicados à marcação-e-recaptura, que levam em conta as falhas em detectar os organismos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Diversidade e conservação dos peixes de água doce (Ictiofauna) das bacias hidrográficas do litoral oriental do Estado do Rio Grande do Norte
Descrição: Este projeto visa elaborar um levantamento dos peixes continentais das bacias hidrográficas costeiras integralmente inseridas no Rio Grande do Norte (bacia dos rios Boqueirão, Punaú, Maxaranguape, Ceará-Mirim, Doce, Potengi, Pirangí e Catu), e determinar os impactos decorrentes das atividades antrópicas sobre a ictiofauna continental do Estado, visando aumentar o conhecimento e oferecer suporte para estratégias de preservação da ictiofauna do Nordeste Médio Oriental. Entre as bacias envolvidas neste estudo, a do rio Potengi foi considerada uma das 16 áreas insuficientemente conhecidas, mas de provável importância biológica para conservação de peixes na Caatinga. O conjunto de dados gerados por esse projeto poderá auxiliar na detecção de áreas de endemismo e na definição de áreas prioritárias para conservação junto aos órgãos ambientais estaduais e federais, além de constituir informações importantes para o manejo de espécies de peixes continentais ameaçadas, e para decisões referentes ao licenciamento ambiental da região, como nos casos de construções de barragens e açudes, ou transposição de água entre bacias hidrográficas.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Helder Mateus Viana Espírito Santo - Integrante / LIMA, SERGIO M. Q. - Coordenador / Ricardo de Souza Rosa - Integrante / Robson Tamar da Costa Ramos - Integrante / Telton Pedro Anselmo Ramos - Integrante / Cinara Pinheiro Neves - Integrante / Luciano de Freitas Barros-Neto - Integrante / Roney Emanuel Costa de Paiva - Integrante / Waldir Miron Berbel-Filho - Integrante / Mateus Germano Souza Lira - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Norte - Auxílio financeiro.
2010 - Atual
Movimentação de peixes e a estrutura da ictiofauna em igarapés
Descrição: As movimentações animais costumam ter importante papel sobre o tamanho e a dinâmica populacional e sobre o fluxo de indivíduos entre populações. No Brasil, pouco se sabe sobre a movimentação de peixes de riachos e sobre a importância destas mudanças de posições sobre a dinâmica populacional e a estrutura geral de assembleias. Os pequenos igarapés de terra-firme são um excelente modelo para estudar estas movimentações devido à elevada eficiência de captura de peixes e à alta diversidade de peixes, o que permite mais opções de escolha de grupos taxonômicos focais para estudo. Além disso, a diversidade estrutural e a dinâmica sazonal destes igarapés, ainda pouco estudadas, resultam em uma grande heterogeneidade espacial e temporal em suas características. Algumas espécies parecem responder às mudanças ambientais alterando suas taxas de movimentação longitudinal nos igarapés, enquanto outras podem usar ambientes temporários disponíveis sazonalmente. Neste projeto, temos o objetivo de determinar as taxas de movimentação dos peixes em diferentes momentos do ano e em diferentes habitats. Para isso, temos utilizado métodos de marcação e recaptura de peixes, com visitas sequenciais aos locais de amostragem ao longo de 2 anos em areas de Floresta de Terra-Firme próximas a Manaus, Amazonas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Especialização: (1) Doutorado: (1) .
Integrantes: Helder Mateus Viana Espírito Santo - Coordenador / ZUANON, JANSEN - Integrante / Marco A. Rodríguez - Integrante / Marla Soares Carvalho - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 8
2009 - 2011
Uso de habitats temporários e o destino das populações de peixes em igarapés de terra-firme na Amazônia Central
Descrição: Poças temporárias adjacentes a pequenos riachos podem servir como local de refúgio provisório, sítio de alimentação ou reprodução para várias espécies de peixes. O objetivo deste estudo é determinar a importância das poças temporárias adjacentes aos pequenos igarapés de terra-firme para a manutenção das populações das espécies de peixes que utilizam estes ambientes com frequência..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
Assembléias de peixes em igarapés de terra-firme e poças temporárias em três Unidades de Conservação da Amazônia
Descrição: Este projeto teve o objetivo de investigar as relações ecológicas entre peixes de igarapés de terra-firme e características ambientais de todo o sistema aquático na floresta de terra-firme da Reserva Florestal Adolpho Ducke, incluindo o canal principal dos igarapés e toda a área de alagamento temporário marginal. Através de amostragens padronizadas replicadas no tempo, experimentos em campo e em laboratório, buscaremos compreender os mecanismos biológicos associados à dinâmica temporal da comunidade de peixes deste sistema. Na Estação Ecológica de Maracá e Parque Nacional do Viruá, ambas no estado de Roraima, o objetivo é estabelecer parcelas aquáticas permanentes para estudos de larga escala temporal e iniciar a investigação das relações entre ictiofauna e o ambiente. A parte do estudo nas Unidades de Conservação de Roraima está sendo desenvolvida pelo estudante de Doutorado Júlio Daniel do Vale..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2007
Variação temporal da ictiofauna em igarapés de terra-firme, Reserva Ducke, Manaus, Amazonas
Descrição: Monitoramentos biológicos são realizados com dois objetivos principais. Quando em Unidades de Conservação, visam verificar a efetividade da proteção da área na manutenção em longo prazo das espécies e da estrutura das comunidades biológicas. Quando fora de áreas de proteção, normalmente são realizados para avaliar possíveis alterações na integridade das comunidades causadas por alterações não-naturais no ambiente. É importante diferenciar mudanças sazonais naturais de mudanças direcionais em longo prazo causadas por ação antrópica. Se não existem grandes mudanças sazonais, monitoramentos da ictiofauna podem ser feitos em qualquer período do ano, mas se existirem mudanças significativas, monitoramentos devem ser padronizados em relação às mudanças sazonais, ou as mudanças sazonais serem consideradas a priori nas análises, isolando seus efeitos sobre as demais variáveis. Além de mudanças por fatores externos ao monitoramento, as amostragens podem provocar mudanças na composição da comunidade, mesmo que por curtos intervalos de tempo. Freqüentemente, em áreas onde a ictiofauna é pouco conhecida, todos os peixes capturados em um evento de coleta são depositados em coleções. Se as amostras são pequenas em relação ao tamanho das populações naturais, ou se o intervalo de tempo entre as coletas é suficientemente grande, é possível que a comunidade se reconstitua entre um período e outro de coleta. Por outro lado, amostragens intensivas ou freqüentes podem resultar em mudanças na comunidade entre uma coleta e outra, gerando efeitos negativos sobre as populações naturais e sobre as próprias amostras obtidas em momentos subseqüentes. Os objetivos principais deste estudo são de testar (1) se existem diferenças aparentes de composição da ictiofauna de igarapés de terra firme da Amazônia Central entre períodos de seca e chuva; (2) determinar se essas eventuais variações se relacionam com fatores ambientais mensuráveis; (3) determinar se a composição de assembléias é previsível..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .
Integrantes: Helder Mateus Viana Espírito Santo - Integrante / Jansen Alfredo Sampaio Zuanon - Integrante / Fernando Pereira Mendonça - Integrante / William Ernest Magnusson - Coordenador.Financiador(es): Fundação Amazônica de Defesa da Biosfera - Outra / Fundação O Boticário de Proteção à Natureza - Auxílio financeiro / Instituto Internacional de Educação do Brasil/Programa BECA - Bolsa / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2004 - 2006
Informe Nacional das Espécies Invasoras que afetam as águas continentais do Brasil (Fauna, Flora e Microrganismos)
Descrição: O Brasil constitui a mais importante entre as nações detentoras de megabiodiversidade, concentrando entre 15 e 20% de todas as espécies descritas no planeta. Esta biodiversidade está relacionada à grande diversidade geográfica e climática, à extensão territorial e à presença da maior cobertura de florestas tropicais do mundo. Diante do atual estado de desenvolvimento econômico e social em nosso país e no mundo, e do risco que isto representa para a manutenção desta biodiversidade, a comunidade científica, a acadêmica e os órgãos governamentais e não governamentais produzem uma grande demanda por informações dos efeitos de fragmentação e destruição de habitats sobre as espécies, bem como as ações mitigadoras e compensadoras destes efeitos. Conseqüentemente, hoje em dia é possível listar uma série de ações que objetivam a recuperação de habitats destruídos e a conexão entre outros, com o intuito de tornar mais otimistas as perspectivas para nossa biodiversidade. Porém, o conhecimento destes setores sobre espécies exóticas invasoras é ainda mínimo. Estes organismos normalmente possuem elevado potencial dispersor, colonizador e dominador nos ambientes invadidos, freqüentemente apresentando como conseqüência de sua invasão, o desfavorecimento e por vezes a exclusão de espécies nativas. Segundo a IUCN (The World Conservation Union), este processo é responsável, nos dias de hoje, por cerca de 30% da perda de biodiversidade no planeta. No Brasil, são produzidos poucos trabalhos que tratam esta questão, um fato de elevada importância quando consideramos o risco que as espécies exóticas invasoras representam à nossa biodiversidade. Este subprojeto objetiva responder à carta consulta do Projeto de Conservação e Utilização Sustentável da Diversidade Biológica Brasileira (PROBIO), afim de executar um estudo amplo sobre a ocorrência de espécies exóticas invasoras em ecossistemas aquáticos continentais do Brasil, ... VALOR: R$ 114.000,00..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (5) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Helder Mateus Viana Espírito Santo - Integrante / Anderson Oliveira Latini - Coordenador / Daniela Chaves Rezende - Integrante / Dilermando Pereira Lima Júnior - Integrante / Letícia Almeida - Integrante / Lorena Torres Oporto - Integrante / Francisca Soares - Integrante / Flávia Coelho Monteiro - Integrante / Marcos Rogério Tótola - Integrante / Alexandre Francisco da Silva - Integrante.Financiador(es): Projeto de Conservação e Utilização Sustentável da Diversidade Biológica Br - Auxílio financeiro.
2001 - Atual
Integridade de estrutura e função em igarapés: o efeito da fragmentação e alteração da cobertura vegetal - Projeto Ygarapés
Descrição: É objetivo deste projeto avaliar as mudanças de estrutura e função em igarapés sujeitos à fragmentação e alteração da cobertura vegetal, integrando informações sobre peixes, invertebrados aquáticos, anfíbios, libélulas e aranhas associadas a esses sistemas. As principais hipóteses a serem testadas são: (a) a fragmentação florestal causa diminuição na riqueza de espécies, na riqueza de determinadas guildas tróficas e no processo de fragmentação do folhiço nos sistemas aquáticos; (b) a alteração da cobertura vegetal para uma cobertura homogênea têm efeitos semelhantes em qualidade aos da fragmentação, mas os ultrapassa em intensidade. Em particular, as taxas de decomposição são diminuídas pela simplificação química e estrutural do material do folhiço; (c) o grau de variação interanual nas comunidades é maior nas áreas com cobertura vegetal alterada, onde mudanças microclimáticas e estruturais dos sistemas são maiores durante o ano do que nas áreas com a cobertura vegetal primitiva; (d) ) sistemas de igarapés amazônicos podem ter alta diversidade alfa, mas baixa diversidade beta. Tais questões serão testadas com o objetivo geral de contribuir para uma melhor compreensão da dinâmica de sistemas de igarapés de terra firme, como forma de subsidiar estratégias de conservação em ambientes fragmentados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Helder Mateus Viana Espírito Santo - Integrante / Paulo De Marco Júnior - Integrante / Jansen Alfredo Sampaio Zuanon - Coordenador / Ivan Sazima - Integrante / Fernando Pereira Mendonça - Integrante / Marcelo Gordo - Integrante / Lucélia Nobre Carvalho - Integrante / Jorge Luiz Nessimian - Integrante / Maeda Batista dos Anjos - Integrante / Amanda Frederico Mortati - Integrante / André Vieira Galuch - Integrante / Hélio Daniel Beltrão dos Anjos - Integrante / Paula de Ávila Lacerda - Integrante / Luana Fidélis da Silva - Integrante / Fabíola Artemis Souza do Valle - Integrante / Eduardo Martins Venticinque - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - Auxílio financeiro / Fundação O Boticário de Proteção à Natureza - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: ACTA AMAZONICA


Revisor de periódico


2009 - 2009
Periódico: Biota Neotropica (Edição em Português. Online)
2009 - 2009
Periódico: Biota Neotropica (Online. Edição em Inglês)
2011 - 2011
Periódico: Rivers Research and Applications (Print)
2013 - Atual
Periódico: Iheringia. Série Zoologia (Online)
2013 - Atual
Periódico: Neotropical Ichthyology (Impresso)
2013 - 2013
Periódico: Plos One
2015 - 2015
Periódico: Acta Limnologica Brasiliensia (Online)
2017 - Atual
Periódico: ACTA AMAZONICA
2018 - Atual
Periódico: BIODIVERSITY AND CONSERVATION (DORDRECHT. ONLINE)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aplicada/Especialidade: Ecologia de peixes.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Comportamento Animal.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aplicada/Especialidade: Dinâmica temporal de comunidades.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Teórica/Especialidade: Biologia da Conservação.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aplicada/Especialidade: Impactos de invasões biológicas.


Prêmios e títulos


2016
Nomeado membro da American Association for the Advancement of Science (AAAS) através do AAAS/Science Program for Excellence in Science, AAAS/Science.
2013
Contemplado no Programa de Apoio à Excelência Acadêmica (Edital PRÓ-EXCELÊNCIA 018/2013), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM).


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:14
Total de citações:168
Fator H:6
Espirito-Santo, Helder M V  Data: 10/10/2018

SciELO
Total de trabalhos:3
Total de citações:6
ESPIRITO SANTO, HELDER MATEUS VIANA ou ESPIRITO-SANTO, HELDER M.V.  Data: 10/10/2018

SCOPUS
Total de trabalhos:14
Total de citações:212
Helder M.V. Espirito-Santo  Data: 10/10/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.2017ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; RODRÍGUEZ, MARCO A. ; ZUANON, JANSEN . Strategies to avoid the trap: stream fish use fine-scale hydrological cues to move between the stream channel and temporary pools. Hydrobiologia (The Hague. Print), v. 792, p. 183-194, 2017.

2.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.2017ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; ZUANON, JANSEN . Temporary pools provide stability to fish assemblages in Amazon headwater streams. ECOLOGY OF FRESHWATER FISH, v. 26, p. 475-483, 2017.

3.
DIAS, M. S.2016DIAS, M. S. ; ZUANON, JANSEN ; CARVALHO, M. S. ; CARVALHO, L. N. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA ; FREDERICO, R. ; LEITAO, R. P. ; MORTATI, A. F. ; PIRES, T. ; TORRENTE-VILARA, G. ; DO VALE, J. D. ; ANJOS, M. B. dos ; MENDONÇA, FERNANDO PEREIRA ; TEDESCO, P. A. . Trends in studies of Brazilian stream fish assemblages. Natureza & Conservação, v. 14, p. 106-111, 2016.

4.
BERBEL-FILHO, WALDIR M.2016BERBEL-FILHO, WALDIR M. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V. ; LIMA, SERGIO M. Q. . First record of a male of Kryptolebias hermaphroditus Costa, 2011 (Cyprinodontiformes: Cynolebiidae). Neotropical Ichthyology (Online), v. 14, p. e160024, 2016.

5.
COUTO, T. B. A.2015COUTO, T. B. A. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA ; LEITAO, R. P. ; BASTOS, D. A. ; DIAS, M. S. ; ZUANON, JANSEN . Os peixes e as poças: o uso de áreas marginais alagáveis por peixes de igarapés amazônicos. Boletim, Sociedade Brasileira de Ictiologia, v. 116, p. 31-40, 2015.

6.
COSTA, FERNANDA V.2015COSTA, FERNANDA V. ; COSTA, FLÁVIA R.C. ; MAGNUSSON, WILLIAM E. ; FRANKLIN, ELIZABETH ; ZUANON, JANSEN ; CINTRA, RENATO ; LUIZÃO, FLÁVIO ; CAMARGO, JOSÉ LUÍS C. ; ANDRADE, ANA ; LAURANCE, WILLIAM F. ; BACCARO, FABRICIO ; SOUZA, JORGE LUIZ PEREIRA ; Espírito-Santo, Helder . Synthesis of the first 10 years of long-term ecological research in Amazonian Forest ecosystem - implications for conservation and management. Natureza & Conservação, v. 13, p. 3-14, 2015.

7.
BRITO, J. G.2014BRITO, J. G. ; ALVES, L. F. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana . Seasonal and spatial variations in limnological conditions of a floodplain lake (lake Catalão) connected to both the Solimões and Negro Rivers, Central Amazonia. Acta Amazonica (Impresso), v. 44, p. 121-133, 2014.

8.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.2013ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; RODRÍGUEZ, MARCO A. ; ZUANON, JANSEN . Reproductive strategies of Amazonian stream fishes and their fine-scale use of habitat are ordered along a hydrological gradient. Freshwater Biology (Print), v. 58, p. 2494-2504, 2013.

9.
BARROS, D. F.2013BARROS, D. F. ; ALBERNAZ, A. L. M. ; ZUANON, JANSEN ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA ; MENDONÇA, FERNANDO PEREIRA ; GALUCH, A. V. . Effects of isolation and environmental variables on fish community structure in the Brazilian Amazon Madeira-Purus interfluve. Brazilian Journal of Biology (Impresso), v. 73, p. 491-499, 2013.

10.
Giacomini, Henrique Corrêa2011Giacomini, Henrique Corrêa ; Lima Jr., Dilermando Pereira ; LATINI, Anderson Oliveira ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA . Spatio-temporal segregation and size distribution of fish assemblages as related to non-native species occurrence in the middle rio Doce Valley, MG, Brazil. Neotropical Ichthyology (Impresso), v. 9, p. 135-146, 2011.

11.
LANDEIRO, VICTOR L.2011LANDEIRO, VICTOR L. ; MAGNUSSON, WILLIAM E. ; MELO, ADRIANO S. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V. ; BINI, LUIS M. . Spatial eigenfunction analyses in stream networks: do watercourse and overland distances produce different results?. Freshwater Biology (Print), v. 56, p. 1184-1192, 2011.

12.
Espírito-Santo, Helder M.V.2011Espírito-Santo, Helder M.V.; MAGNUSSON, WILLIAM E. ; ZUANON, JANSEN ; Emilio, Thaise . Short-term Impacts of Fish Removal from Small Amazonian Forest Streams. Biotropica (Lawrence, KS), v. 43, p. 529-532, 2011.

13.
BARROS, D. F.2011BARROS, D. F. ; ZUANON, Jansen ; MENDONCA, F. P. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; GALUCH, A. V. ; ALBERNAZ, A. L. M. . The fish fauna of streams in the Madeira-Purus interfluvial region, Brazilian Amazon. Check List (São Paulo. Online), v. 7, p. 768-773, 2011.

14.
Emilio, Thaise2010Emilio, Thaise ; Nelson, Bruce Walker ; Schietti, Juliana ; Desmoulière, Sylvain J.-M. ; Espírito Santo, Helder M. V. ; Costa, Flávia R. C. . Assessing the relationship between forest types and canopy tree beta diversity in Amazonia. Ecography (Copenhagen), v. 33, p. 738-747, 2010.

15.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana2009ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; MAGNUSSON, W. E. ; ZUANON, J. A. S. ; MENDONCA, F. P. ; LANDEIRO, V. L. . Seasonal variation in the composition of fish assemblages in small Amazonian forest streams: evidence for predictable changes. Freshwater Biology (Print), v. 54, p. 536-548, 2009.

16.
LATINI, Anderson Oliveira2004LATINI, Anderson Oliveira ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; GIACOMINI, Henrique Correia ; LATINI, Ricardo Oliveira ; REZENDE, Daniela Chaves ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; BARROS, Dilliani Felipe ; PEREIRA, T. L. . Alien fishes in lakes of the Doce river basin (Brazil): range, new occurrences and conservation of native communities. Lundiana (UFMG), Belo Horizonte-MG, v. 5, n.2, p. 135-142, 2004.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
ZUANON, JANSEN ; MENDONÇA, FERNANDO PEREIRA ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA ; DIAS, M. S. ; GALUCH, A. V. ; AKAMA, A. . Guia de Peixes da Reserva Adolpho Ducke. 1. ed. Manaus: Editora INPA, 2015. v. 1. 155p .

Capítulos de livros publicados
1.
MENDONCA, F. P. ; PAZIN, V. F. V. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; ZUANON, J. A. S. ; MAGNUSSON, W. E. . Peixes. In: Márcio L. Oliveira; Fabrício B. Baccaro; Ricardo Braga-Neto William E. Magnusson. (Org.). Reserva Ducke: A Biodiversidade Amazônica Através De Uma Grade. 1ed.Manaus-AM: Editora INPA, 2008, v. , p. 63-76.

2.
LATINI, Anderson Oliveira ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; GIACOMINI, Henrique Correia ; LATINI, Ricardo Oliveira ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; MARCO JÚNIOR, Paulo de ; OPORTO, Lorena Torres ; LEÃO, Tiago Pereira ; RESENDE, Daniela Chaves . Ecologia de Peixes Exóticos no Médio Rio Doce. In: Fundo Nacional do Meio Ambiente. (Org.). Espécies da Fauna e da Flora Invasoras - Recomendações para o Manejo e Poíticas Públicas. Brasília-DF: MMA, 2006, v. , p. -.

3.
LATINI, Anderson Oliveira ; LEÃO, Tiago Pereira ; LATINI, Ricardo Oliveira ; GIACOMINI, Henrique Correia ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; OPORTO, Lorena Torres ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana . Distribuição e efeitos de peixes exóticos sobre a icriofauna nativa dos lagos do Médio Rio Doce, MG, Brasil. In: Odete Rocha; Evaldo Luiz Gaeta Espindola; Nelsy Fenerich Verani; José Roberto Verani; Arnola Cecília Rietzler. (Org.). Espécies Ivasoras em Aguas Doces - Estudos de caso e propostas de manejo. 1ed.São Carlos - SP: Editora UFSCar, 2005, v. 1, p. 99-118.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; ZUANON, JANSEN . Divulgação do Guia de Peixes da Reserva Ducke - Seção Novas Publicações do Boletim SBI. Boletim, Sociedade Brasileira de Ictiologia, Londrina-PR, p. 53 - 53, 31 dez. 2015.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PEREIRA, T. L. ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; LATINI, Anderson Oliveira . Ocorrência e Dispersão de Peixes Exóticos em Riachos do Médio Rio Doce, MG, Brasil. In: XVI Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2005, João Pessoa. Anais do XVI Encontro Brasileiro de Ictiologia. Ictiofauna Brasileira: estado atual do conhecimento. João Pessoa: Universidade Federal da Paraíba. p. 70-70.

2.
SAMPAIO, Ricardo ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana . Influência da estrutura do solo sobre a comunidade de besouros 'rola-bosta' (Coleoptera:Escarabeidae) na Amazônia Central. In: VII Congresso de Ecologia do Brasil, 2005, Caxambu-MG. Anasis do VII CEB: Avanços nos estudos de ecossistemas terrestres, marinhos e de águas continentais. p. 828a.

3.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; MAURENZA, DANIEL . Distribuição da ictiofauna bentônica segundo a disponibilidade de oxigênio dissolvido no complexo do Catalão na época da cheia, Amazônia Central.. In: VII Congresso de Ecologia do Brasil, 2005, Caxambu-MG. Anais do VII CEB: Avanços nos estudos de ecossistemas terrestres, marinhos e de águas continentais. p. 831a.

4.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; RESENDE, Daniela Chaves ; LATINI, Anderson Oliveira . Estratégias comportamentais de espécies nativas de peixes em lagoas naturais mediante a presença de espécies exóticas, Bacia do rio Doce, Minas Gerais. In: 1º Simpósio Brasileiro sobre Espécies Exóticas Invasoras, 2005, Brasília. Anais do 1º Simpósio Brasileiro sobre Espécies Exóticas Invasoras, 2005.

5.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; GIACOMINI, Henrique Correia ; LATINI, Anderson Oliveira . Pode a plasticidade de dieta aumentar a persistência de populações nativas de peixes perante o impacto da invasão por populações não nativas de peixes?. In: VI CONGRESSO DE ECOLOGIA DO BRASIL, 2003, Fortaleza. Anais do VI CEB. Fortaleza-CE: Editora da Universidade Federal do Ceará, 2003. p. 303-304.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; ZUANON, JANSEN ; RODRÍGUEZ, MARCO A. . How do fish time the use of temporary ponds alongside Amazonian forest streams. In: 52nd Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation,, 2015, Honolulu, HI, USA. ATBC 2015 - 52nd Annual Meeting, 2015. p. 01-01.

2.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; RODRIGUEZ, M. A. ; ZUANON, JANSEN . Abundance partition and life-history evolution of tropical stream fishes in a microhabitat scale. In: 49th Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation, 2012, Bonito-MS. ATBC 2012 - 49th Annual Meeting Bonito-MS, Brasil, 2012. p. 01-01.

3.
RODRIGUEZ, M. A. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V. . A population-level approach to dynamic modeling of movement between habitats. In: 49th Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation, 2012, Bonito-MS. ATBC 2012 - 49th Annual Meeting Bonito-MS, Brasil, 2012. p. 1012-1012.

4.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; RODRIGUEZ, M. A. ; ZUANON, JANSEN . Uso de poças temporárias e atributos reprodutivos das espécies regulam a dinâmica populacional de peixes em igarapés amazônicos. In: XIX Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2011, Manaus-AM. XIX Encontro Brasileiro de Ictiologia - Livro de Programação e Resumos. Manaus-AM, 2011. p. 265-265.

5.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; MAGNUSSON, WILLIAM ERNEST ; ZUANON, JANSEN . Impactos ecológicos e custos de coletas de peixes em pequenos igarapés da Amazônia. In: XIX Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2011, Manaus-AM. XIX Encontro Brasileiro de Ictiologia - Livro de Programação e Resumos. Manaus-AM, 2011. p. 364-364.

6.
RODRIGUEZ, M. A. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V. . Dynamic modeling of movement between habitats. In: Canadian Conference of Applied Statistics/Forum for Interdisciplinary Mathematics, 2011, Montréal. Canadian Conference of Applied Statistics/Forum for Interdisciplinary Mathematics, 2011.

7.
GUALBERTO, C. G. ; MAGNUSSON, WILLIAM E. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V. . Efeito da disponibilidade de poças temporárias em baixios sobre a estrutura populacional de Pyrrhulina brevis (Characiformes: Lebiasinidae) nos igarapés da Reserva Ducke (Amazonas, Brasil). In: Reunião Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, 2010, Boa Vista, Roraima. Anais da Reunião Regional da SBPC 2010 - Boa Vista, Roraima, 2010.

8.
GIACOMINI, Henrique Correia ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; LATINI, Anderson Oliveira ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana . Interações tróficas como mecanismo de segregação de assembléias de peixes: o caso das invasões de piscívoros no Vale do Médio Rio Doce - MG.. In: XVIII Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2009, Cuiabá. XVIII Encontro Brasileiro de Ictiologia - Livro de resumos. São Paulo: Sociedade Brasileira de Ictiologia, 2009. v. 1. p. 67-67.

9.
GIACOMINI, Henrique Correia ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; LATINI, Anderson Oliveira ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana . Diversidade espacial e temporal de assembléias de peixes: diferenças entre lagos com e sem invasores no Médio Rio Doce - MG.. In: XVIII Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2009, Cuiabá. XVIII Encontro Brasileiro de Ictiologia - Livro de resumos. São Paulo: Sociedade Brasileira de Ictiologia, 2009. v. 1. p. 70-70.

10.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; MAGNUSSON, W. E. ; ZUANON, J. A. S. ; MENDONCA, F. P. ; LANDEIRO, V. L. . Tropical stream fish assemblages: predictability of changes in an annual time scale. In: Conferência Científica Internacional Amazônia em Perspectiva: Ciêcia integrada para um futuro sustentável, 2008, Manaus. Anais da Conferência Cientítica Internacional Amazônia em Perspectiva, 2008.

11.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; MAGNUSSON, W. E. ; ZUANON, J. A. S. ; MENDONCA, F. P. . Monitoramento da ictiofauna nos igarapés da Reserva Ducke, Manaus, Amazonas. In: Conferência Científica Internacional Amazônia em Perspectiva: Ciêcia integrada para um futuro sustentável, 2008, Manaus. Anais da Conferência Cientítica Internacional Amazônia em Perspectiva, 2008.

12.
MENDONCA, F. P. ; BARROS, D. F. ; ZUANON, J. A. S. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; GALUCH, A. V. ; MENDONCA, A. C. . Ictiofauna de igarapés do interflúvio Purus e Madeira, ao longo da BR-319. In: Conferência Científica Internacional Amazônia em Perspectiva: Ciêcia integrada para um futuro sustentável, 2008, Manaus. Anais da Conferência Cientítica Internacional Amazônia em Perspectiva, 2008.

13.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; MAGNUSSON, W. E. ; ZUANON, J. A. S. ; MENDONCA, F. P. . Variação temporal da ictiofauna em igarapés de terra-firme, Reserva Ducke, Manaus, Amazonas.. In: XVII Encontro Nacional de Ictiologia, 2007, Itajaí-SC. Anais do XVII CEB - Itajaí-SC, 2007.

14.
MENDONCA, F. P. ; PAZIN, V. F. V. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; MAGNUSSON, W. E. ; ZUANON, J. A. S. . Guia de identificação: Os peixes da Reserva Florestal Adolpho Ducke. In: I Seminário Científico do PPBio: Estratégias Científicas do Programa, 2007, Belém, PA. Resumos do I Seminário Científico do PPBio: Estratégias Científicas do Programa, 2007.

15.
MENDONCA, F. P. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; MAGNUSSON, W. E. ; ZUANON, J. A. S. . Características estruturais e físico-químicas de igarapés de terra-firme, Reserva Florestal Ducke, Amazônia Central. In: I Seminário Científico do PPBio: Estratégias Científicas do Programa, 2007, Belém, PA. Resumos do I Seminário Científico do PPBio: Estratégias Científicas do Programa, 2007.

16.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; MAGNUSSON, W. E. ; ZUANON, J. A. S. ; MENDONCA, F. P. . Variação sazonal da comunidade de peixes em igarapés de terra-firme, Reserva Ducke, Manaus, Amazonas.. In: I Seminário Científico do PPBio: Estratégias Científicas do Programa, 2007, Belém, PA. Resumos do I Seminário Científico do PPBio: Estratégias Científicas do Programa, 2007.

17.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; LATINI, Anderson Oliveira . Invasões Biológicas: uma ameaça à manutenção da biodiversidade em unidades de conservação. In: III Simpósio de Meio Ambiente, 2004, Viçosa-MG. Anais do III Simpósio de Meio Ambiente, 2004.

18.
LATINI, Anderson Oliveira ; PEREIRA, T. L. ; LATINI, Ricardo Oliveira ; GIACOMINI, Henrique Correia ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; OPORTO, Lorena Torres ; BARROS, Dilliani Felipe ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana . Distribuição e efeitos de peixes exóticos sobre a ictiofauna nativa dos lagos do médio rio Doce, MG, Brasil. In: Workshop e Minicurso: O Impacto da piscicultura e da introdução de espécies exóticas nas bacias hidrográficas, 2003, Itirapina-SP. Resumos do Workshop e Minicurso, 2003.

Apresentações de Trabalho
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; RODRÍGUEZ, MARCO A. ; ZUANON, JANSEN . Islands of Water: how do fish time the use of temporary ponds alongside Amazonian streams. 52th ATBC, Honolulu, HI, USA.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.. Por que fazer isso com o bichinho? Ponderações, técnicas e exemplos de estudos com marcações de peixes. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Population Dynamics of Amazonian Stream fish: the role of hydrology, fish movements and life-history. Conférences du RIVE, Trois-Rivières, QC, Canadá. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; RODRIGUEZ, M. A. ; ZUANON, JANSEN . Abundance partition and life-history evolution of tropical stream fishes in a microhabitat scale. 49th ATBC Meeting, Bonito-MS, Brazil.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
LANDEIRO, V. L. ; BACCARO, F. ; DIAS, M. S. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; PINTO, M.P. . Princípios de estatística em ecologia. Curitiba: Artmed, 2010. (Tradução/Livro).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
ZUANON, J. A. S. ; FERREIRA, E. J. G. ; OLIVEIRA, R. R. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA . Consultor em amostragem de ictiofauna nos corpos d'água do médio rio Teles-Pires, como subsídio para compor Estudo de Impacto Ambiental da UHE Teles-Pires. 2009.

2.
ZUANON, J. A. S. ; SILVA, L. F. da ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; SEIXAS, M. ; VALLE, F. . Consultor em amostragem de ictiofauna para compor estudo inicial do Sistema de Monitoramento da Biodiversidade (SIMBIO - IBAMA/ICMBio) nos igarapés do PARNA no Jaú, Bacia do rio Negro, Amazonas.. 2007.

3.
ZUANON, J. A. S. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; GALUCH, A. V. ; BARROS, D. F. . Consultor em amostragem de ictiofauna em corpos d'dágua do médio interflúvio Purus-Madeira durante expedição realizada pelo projeto GEOMA.. 2007.

4.
ZUANON, J. A. S. ; MENDONCA, F. P. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; MENDONCA, A. C. ; BARROS, D. F. . Consultor em amostragem de ictiofauna em corpos d'dágua do alto interflúvio Purus-Madeira durante expedição realizada pelo projeto GEOMA.. 2007.

5.
LATINI, Anderson Oliveira ; RESENDE, Daniela Chaves ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; LATINI, Ricardo Oliveira ; LIMA JÚNIOR, Dilermando Pereira ; OPORTO, Lorena Torres ; ALMEIDA, Letícia Reis de . Consultor em estudos ictiofaunísticos para análise de viabilidade ambiental de oito empreendimentos hidrelétricos (PCHs) na bacia do rio Santo Antônio, MG. 2004.

Trabalhos técnicos
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
ZUANON, Jansen ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; BARROS, G. G. ; GALUCH, A. V. ; LOPES, A. S. ; LOPES, J. S. ; LOPES, M. . Programa Globo Ecologia Rede Globo - os igarapés e os peixes da floresta Amazônica. 2011.

2.
COSTA, F. R. C. ; MENDONCA, F. P. ; BACCARO, F. ; MENIN, M. ; PEREIRA, O. ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana . Programa Globo Ecologia Rede Globo - diversidade da floresta. 2008.


Demais tipos de produção técnica
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Desmistificando o RStudio. 2018. .

2.
ERICKSON, J. ; MARIONI, B. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V. . Técnicas de marcação e coleta de material biológico em vertebrados aquáticos. Ministrado durante o I Simpósio de Pesca e Biologia de Água Doce, Manaus-AM. 2015. .

3.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; FREITAS, C. T. . Mini-Curso 'A linguagem do R: uma maneira atual e eficiente para manejo e análise de dados'. Ministrado durante X SIMCOM, Tefé-AM.. 2013. .

4.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Participação em banca de Lisveth Madeleine Valenzuela Mendoza. Efeitos dos usos da terra sobre as características físicas do habitat e estrutura ecomorfológica da ictiofauna de riachos na Amazônia Oriental. 2017. Dissertação (Mestrado em Zoologia) - Universidade Federal do Pará.

2.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; ZEPPELINI FILHO, D.; MEDEIROS, E. S. F.. Participação em banca de Maria Rita Nascimento Duarte. Especialização individual em três espécies de peixes em um rio intermitente do semiárido brasileiro. 2016. Dissertação (Mestrado em ECOLOGIA E CONSERVAÇÃO) - Universidade Estadual da Paraíba.

Teses de doutorado
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; LIMA, S. M. Q.; FIGUEIREDO, C. A. A.; MEDEIROS, E. S. F.; SIQUEIRA FILHO, J. A.. Participação em banca de Marcio Joaquim da Silva. Diversidade e conservação da ictiofauna das bacias envolvidas no Projeto de Transposição do Rio São Francisco. 2017. Tese (Doutorado em Sistemática e Evolução) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Qualificações de Doutorado
1.
SOUZA, A. F.; GER, K. A.; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Participação em banca de José Luiz Alves Silva. Compreendendo o funcionamento de plantas, sua organização na comunidade, e seus efeitos no ecossistema Restinga. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

2.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Participação em banca de Naiara Raiol Torres. A transformação da paisagem e seus efeitos sobre a biodiversidade amazônica. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia Aquática e Pesca) - Universidade Federal do Pará.

3.
ALVES-GOMES, J.; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; AMADIO, S.; RIBAS, C. C.; ANCIÃES, M.. Participação em banca de Elisa Queiroz Garcia. Seleção sexual em peixes Gymnotiformes: uma abordagem ecológica e evolutiva. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Biologia (Ecologia)) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Qualificações de Mestrado
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; ROPKE, C.; ZUANON, JANSEN. Participação em banca de Silvia Imaculada Barros da Rocha. Colonização de bancos de herbáceas aquáticas artificiais pela ictiofauna do lago Catalão, Amazonas, Brasil. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia de Água Doce e Pesca Interior) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

2.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA; BELLINI, B. C.; LIMA, S. M. Q.. Participação em banca de Roney Emanuel Costa de Paiva. Diversidade e padrões de riqueza de peixes de água doce das bacias costeiras sob influência da Mata Atlântica na ecorregião do Nordeste Médio-Oriental. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Sistemática e Evolução) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

3.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; SALIMON, C. I.; MEDEIROS, E. S. F.. Participação em banca de Maria Rita Nascimento Duarte. Especialização individual de três espécies de peixes que se alimentam de diferentes níveis tróficos: evidência de um rio intermitente do semi-árido. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em ECOLOGIA E CONSERVAÇÃO) - Universidade Estadual da Paraíba.

4.
PICANCO, D.; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; ZUANON, JANSEN. Participação em banca de Enzio Meixedo Chiarelli. Ocorrência de multipaternidade em Arapaima gigas em ambiente natural. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia de Água Doce e Pesca Interior) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

5.
CORNELIUS, C.; KOCHHANN, D.; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.. Participação em banca de Elio de Almeida Borghezan. Especiação ecológica mediada pela qualidade de águas Amazônicas? Estudo sobre o potencial isolamento reprodutivo pré-zigótico em linhagens de Crenuchus spilurus Günter. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biologia de Água Doce e Pesca Interior) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

6.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.; Sousa-Lima, R. S.. Participação em banca de Laura Kyoko Honda. Ecologia do movimento de machos cantores de baleias Jubarte (Megaptera novaeanglia) no sítio reprodutivo de Abrolhos-BA. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Psicobiologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
GASNIER, T.; BACCARO, F.; ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Participação em banca de Rafaela di Paula Lira Bomfim.Efeitos da predação sobre a diversidade da assembléia de peixes do Rio Machado, Amazônia. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Amazonas.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Avaliador ad-hoc de Projeto de Doutorado (PPG Diversidade Biológica e Conservação nos Trópicos - UFAL). 2018. Universidade Federal de Alagoas.

2.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Avaliador ad-hoc de Projeto de Doutorado (PPG Ecologia - INPA). 2018. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

3.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.. Participação em banca de Projeto de Doutorado de Francisco Keilo Teixeira (PPG Ecologia e Recursos Naturais - UFC). 2016. Universidade Federal do Ceará.

4.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V.. Avaliador ad-hoc de Projeto de Mestrado de Marciany Pereira Dantas de Lima (PPG Zoologia - UEFS). 2016. Universidade Estadual de Feira de Santana.

5.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Avaliador ad-hoc de Projeto de Mestrado do aluno Enzio Meixedo Chiarelli (PPG Biologia Aquática e Pesca Interior - INPA). 2015. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

6.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Avaliador ad-hoc de Projeto de Mestrado do aluno Elio de Almeida Borghezan (PPG Biologia Aquática e Pesca Interior - INPA). 2015. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

7.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Avaliador ad-hoc de Projeto de Doutorado de Douglas Avis Bastos (PPG Biologia Aquática e Pesca Interior - INPA). 2015. Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Oficina de Alvos e Metas para atualização das Áreas Prioritárias para Conservação, Uso Sustentável e Repartição dos Benefícios da Biodiversidade da Amazônia.Grupo de Trabalho sobre Processos e Ambientes Aquáticos. 2017. (Oficina).

2.
52th Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation.Islands of Water: how do fish time the use of temporary ponds alongside Amazonian streams. 2015. (Encontro).

3.
I Simpósio de Pesca e Biologia de Água Doce.Técnicas de marcação e coleta de material biológico em vertebrados aquáticos. Ministrado durante o I Simpósio de Pesca e Biologia de Água Doce. 2015. (Simpósio).

4.
24th Annual Symposium of the Groupe de Recherche Interuniversitaire en Limnologie et en Environnement Aquatique (GRIL). 2014. (Simpósio).

5.
38th Annual Meeting of Quebec Society for the Biological Study of Behavior Be. 2013. (Congresso).

6.
X Simpósio sobre Manejo Participativo e Conservação na Amazônia. 2013. (Simpósio).

7.
49th Annual Meeting of the Association for Tropical Biology and Conservation. Abundance partition and life-history evolution of tropical stream fishes in a microhabitat scale. 2012. (Congresso).

8.
XIX Encontro Brasileiro de Ictiologia.Impactos ecológicos e custos de coletas de peixes em pequenos igarapés da Amazônia. 2011. (Encontro).

9.
Conferência Científica Internacional Amazônia em Perspectiva: Ciência Integrada para um futuro sustentável.Tropical Stream Fish Assemblages: predictability of changes in a annual time scale. 2008. (Outra).

10.
IV Seminário de Resultados do Programa de Capacitação Institucional - PCI/MCT/INPA.Assembléias de peixes em igarapés de terra-firme e poças temporárias em três Unidades de Conservação da Amazônia - Resultados parciais. 2008. (Seminário).

11.
I Simpósio Brasileiro Sobre Espécies Exóticas Invasoras.Estratégias comportamentais de espécies nativas de peixes em lagoas naturais mediante a presença de espécies exóticas, Bacia do rio Doce, Minas Gerais. 2005. (Simpósio).

12.
III Simpósio de Meio Ambiente.Invasões Biológicas: uma ameaça à manutenção da biodiversidade em unidades de conservação.. 2004. (Simpósio).

13.
Mini-curso de Reference Manager.. 2003. (Outra).

14.
VI Congresso de Ecologia do Brasil. Pode a plasticidade de dieta aumentar a persistência de populações nativas de peixes perante o impacto da invasão por populações não nativas de peixes?. 2003. (Congresso).

15.
XXII Semana Acadêmica de Biologia: O Homem e Seus (Ecos)sistemas.. 2003. (Outra).

16.
II Congresso Internacional de Zootecnia. 2000. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Átila Dantas Escóssia de Melo. Dinâmica de comunidades de peixes em florestas drenadas de mangue. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Mateus Germano de Souza Lira. Biogeografia evolutiva de Kryptolebias hermaphroditus Costa, 2011 (Cyprinodontiformes: Rivulidae) nos manguezais de Mata Atlântica do Estado do Rio Grande do Norte. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Sistemática e Evolução) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Cláudia Gemaque Gualberto. Relação entre desenvolvimento reprodutivo e uso de habitats de Pyrrhulina brevis (Characiformes: Lebiasinidae) em pequenos igarapés de terra firme. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Helder Mateus Viana Espírito Santo.

Iniciação científica
1.
Cláudia Gemaque Gualberto. Efeito da disponibilidade e características de poças temporárias nos baixios sobre a estrutura populacional de Pyrrhulina brevis (Characiformes: Lebiasinidae) nos igarapés da Reserva Ducke.. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Amazonas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Helder Mateus Viana Espírito Santo.



Educação e Popularização de C & T



Cursos de curta duração ministrados
1.
ESPÍRITO-SANTO, HELDER MATEUS VIANA. Desmistificando o RStudio. 2018. .

2.
ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana; FREITAS, C. T. . Mini-Curso 'A linguagem do R: uma maneira atual e eficiente para manejo e análise de dados'. Ministrado durante X SIMCOM, Tefé-AM.. 2013. .

3.
ERICKSON, J. ; MARIONI, B. ; ESPÍRITO-SANTO, HELDER M. V. . Técnicas de marcação e coleta de material biológico em vertebrados aquáticos. Ministrado durante o I Simpósio de Pesca e Biologia de Água Doce, Manaus-AM. 2015. .


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
ZUANON, Jansen ; ESPÍRITO SANTO, Helder Mateus Viana ; BARROS, G. G. ; GALUCH, A. V. ; LOPES, A. S. ; LOPES, J. S. ; LOPES, M. . Programa Globo Ecologia Rede Globo - os igarapés e os peixes da floresta Amazônica. 2011.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/10/2018 às 19:45:31