Patricia Nakayama

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2185506817033759
  • Última atualização do currículo em 22/04/2018


Possui graduação em Ciências Sociais pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP , mestrado em Filosofia pela Universidade de São Paulo e doutorado em Filosofia pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP em Ética e Filosofia Política. Atualmente leciona os cursos de Ética & Ciência e História da Filosofia Moderna na Universidade Federal da Integração Latino -Americana. (UNILA). Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em História da Filosofia moderna e política, atuando principalmente nos seguintes temas: Thomas Hobbes, democracia, Estado e direito, política, Retórica antiga e moderna. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Patricia Nakayama
Nome em citações bibliográficas
NAKAYAMA, Patricia


Formação acadêmica/titulação


2009 - 2014
Doutorado em Filosofia.
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.
Título: SOBRE A DESCRIÇÃO DO SER (Estudos sobre ameríndios, Thomas Hobbes e os rebentos de seu estado de natureza), Ano de obtenção: 2014.
Orientador: Renato Janine Ribeiro.
Palavras-chave: Hobbes; Ameríndios; Eloquência; Antilogia; Democracia.
2006 - 2009
Mestrado em Filosofia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: A arte retórica de Thomas Hobbes,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Renato Janine Ribeiro.
Palavras-chave: Conceito de povo; Hobbes.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
Grande Área: Ciências Humanas.
Setores de atividade: Outro.
1996 - 2000
Graduação em Ciências Sociais.
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.
Orientador: Prof. Doutor Gildo Marçal Brandão.




Formação Complementar


2012 - 2012
TO HÀ - Curso sobre cantos e cultura indígena. (Carga horária: 12h).
Biblioteca e Centro de Pesquisa América do Sul-Países Árabes, BIBLIASPA, Brasil.
2009 - 2009
Cinema: Identidade Subjetividade e Crise no Cinema. (Carga horária: 9h).
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
2002 - 2002
Extensão universitária em Tradução e explicação de textos latinos I. (Carga horária: 36h).
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.
2002 - 2002
Extensão universitária em Tradução e explicação de textos latinos II. (Carga horária: 36h).
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.
2002 - 2002
Educação e Cultura. (Carga horária: 12h).
SESC Vila Mariana, SESC, Brasil.
2001 - 2001
Extensão universitária em Iniciação ao Laitm IV. (Carga horária: 30h).
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.
2001 - 2001
Extensão universitária em Iniciação ao latim III. (Carga horária: 30h).
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Projeto Educacional Êxodos - Sebastião Salgado. (Carga horária: 20h).
Departamento de História da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Human, FFLCH - USP, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Iniciação ao Latim I. (Carga horária: 30h).
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Iniciação ao Latim II. (Carga horária: 30h).
Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, USP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal da Integração Latino-Americana, UNILA, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto A do Magistério Público, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2018 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Leitura e Escrita Filosófica
01/2018 - Atual
Extensão universitária , Instituto Latino-Americano de Economia, Sociedade e Política, .

Atividade de extensão realizada
Pequenos filósofos em torno do Relógio de Sol.
08/2016 - 12/2017
Direção e administração, Chefia de Departamento da Pro Reitoria de Graduação, .

Cargo ou função
Chefia do Departamento de Acompanhamento do Ciclo Comum de Estudos da UNILA.
03/2017 - 11/2017
Ensino, INTERDISCIPLINAR EM ESTUDOS LATINO-AMERICANOS, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
América Latina Regional Y Global: Saberes en Movimiento
07/2016 - 12/2016
Ensino, Introdução ao Pensamento Científico, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução ao Pensamento Científico
02/2016 - 07/2016
Ensino, Ética e Ciência, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ética e Ciência

Centro de Estudos e Pesquisa em Educação Cultura e Ação Comunitária, CENPEC, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: pesquisadora, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 24
Outras informações
Coordenação da avaliação do Projeto Criança. Este projeto abrange cidades do triângulo mineiro, uma cidade em Goiás, e em São Paulo nos municípios de Franca, Ribeirão Preto e Brodowisk. Esta proposta é voltada para professores e gestores do Ensino fundamental I e busca articular língua portuguesa com teatro para a melhoria da aprendizagem e do ensino.

Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: Pesquisadora, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 16
Outras informações
Elaboração de um banco de dados sobre gestão municipal em educação no Brasil (1999-2003) para o projeto MELHORIA DA EDUCAÇÃO NO MUNICÍPIO. Projeto de iniciativa do UNICEF e da Fundação Itaú social

Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: Pesquisadora, Enquadramento Funcional: pesquisadora, Carga horária: 16
Outras informações
Desenvolvimento da publicação Melhoria da educação no município (um trabalho coletivo). Material para gestores da educação pública municipal. Projeto de iniciativa do UNICEF.



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Sobre a descrição do ser (Estudo sobre filósofos modernos e o pensamento ameríndio contemporâneo)
Descrição: O presente projeto pretende discutir alguns aspectos da história da filosofia moderna, sob a perspectiva da descrição do ser. Nosso trajeto guia-se pelas passagens relativas à descrição do ser no pensamento de filósofos modernos como Thomas Hobbes, bem como suas fontes antigas, em especial Demócrito e Antifonte. Além de Hobbes, estudaremos também Rousseau e Espinosa. Igualmente, buscaremos estas descrições dentre os ameríndios. Para que esta proposta de atuação se consolide em condições profícuas, este percurso dividir-se-á em dois momentos: um primeiro relativo ao Ensino, a bem dizer, à abordagem da história filosofia moderna junto ao corpo discente, um segundo, que pretende desenvolver um projeto de Pesquisa acadêmica Passemos a eles. O tema geral desta proposta tem consonância com nossa pesquisa de doutorado, cujo conteúdo versou sobre a descrição do ser em Thomas Hobbes e como isto se dá entre os ameríndios. Neste estudo desenvolveu-se as bases desta empreitada que se concretizou com êxito, não só do ponto de vista da aprovação unânime de sua banca julgadora, composta pelas autoridades nos temas abordados mas, sobretudo, por colocar os temas latino-americanos no debate acadêmico num mesmo patamar que os tradicionais temas da história da filosofia moderna. A cadeira de história da filosofia moderna na Universidade Federal da Integração Latino?Americana nos parece, deste modo, um verdadeiro kairós para o desenvolvimento deste projeto, que envolve temas incomuns aos cursos de filosofia..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
La estructura de la teoria de las contradicciones filosóficas en el pensamiento de J. C Mariátegui La Chira
Descrição: Mostrar aproximadamente el tipo de dialéctica filosófica y los matices que podría tener y que estarian presente en su reflexión general. Siguiendo el proceso de la Ciencia de la lógica de Jorge Guillermo Federico Hegel se trata de pensr la tipología de las contradicciones en Mariátegui La Chira para poder realizar el acceso a lo que se llamaría la 'dinámica del concepto' y, con esto, poder establecer y desenvolver la perspectiva de la dialéctica positiva en el autor marxista. Al resspecto he trabajado ya este tema en Mao Tsetung, Aníbal Ponce, y tros posibles autores marxistas después de investigar el tema en Mariátegui La Chira..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
História da Filosofia Latino-Americana (Organização e sistematização dos clássicos aos contemporâneos)
Descrição: O presente projeto dividir-se-á em duas frentes, uma que pretende levantar e sistematizar a produção da Filosofia latino-americana e discutir alguns aspectos da história da filosofia latino-americana, a saber, a da política e a da teoria do conhecimento. Esta empreitada de fôlego parte da necessidade de não existir uma organização documental digitalizada da pesquisa em filosofia acerca dos temas latino-americanos. Cremos no papel protagonista da UNILA como referência sobre o tema e esta preocupação, que vai além de organizar um banco de dados, promove e incentiva a pesquisa e o debate sobre o assunto. Esta proposta tem, como fim pedagógico e como pesquisa acadêmica, a necessária participação dos alunos e professores, bem como atividades que envolvem Seminários e Colóquios divulgando os resultados do banco de dados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2017 - Atual
PEQUENOS FILÓSOFOS EM TORNO DO RELÓGIO DE SOL
Descrição: O tema a ser trabalhado será uma introdução à filosofia, em especial através dos filósofos da natureza (ou Pré-socráticos), partindo da observação e práticas para despertar a curiosidade epistemológica e apropriação de conhecimentos significativos para o aluno. A justificativa que embasa o projeto refere-se principalmente ao limitado conhecimento que os alunos possuem sobre seu meio e a dificuldade de situar-se enquanto cidadãos ativos no processo de construção da sociedade. Os principais objetivos são estimular: 1) leitura e escrita. 2) a curiosidade epistemológica; 3) facilitar a compreensão do conhecimento científico e sua importância, e experimentar descobertas científicas por meio da observação da natureza. As estratégias utilizadas serão diferenciadas ferramentas que possibilitem aos alunos a experimentação na prática de conceitos que sejam importantes para o seu dia a dia, aproximando o conhecimento com a vivência do aluno. Os agentes envolvidos são docentes e discentes da escola municipal Jorge Amado, pais e comunidade, professores e alunos do curso de filosofia da Universidade Federal da Integração Latino Americana, além de representantes do Pólo Astronômico..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (21) .
Integrantes: Patricia Nakayama - Coordenador / Rogerio Gimenes de Campos - Integrante / Luciana Ribeiro - Integrante / Andiara Drielli De Oliveira - Integrante / Allan Marcos Pereira De Miranda - Integrante / Maria Vitoria da Silva - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal da Integração Latino-Americana - Bolsa.
2015 - Atual
Curso de língua Grega Clássica ? Flexão Verbal & Oficina de tradução
Descrição: O Curso de língua Grega Clássica ? Flexão Verbal e Oficina de tradução procurará coordenar dois eixos: a) uma apresentação da flexão verbal para quem não viu esse conteúdo e b) continuar a oficina de tradução, procurando uma convergência e união desses dois grupos em níveis diferentes. O curso justifica-se também pela iniciação científica em andamento, desde Agosto de 2016, ministrada pelo mesmo professor/coordenador, "Os Fragmentos de Heráclito de Éfeso", um grupo de pesquisa voltado para os estudantes de licenciatura em Filosofia, mas não exclusiva a eles, que exigirá um conhecimento continuado da língua grega para a apreciação do texto original, de onde parte o exercício da Iniciação Científica. Um pré-requisito para toda e qualquer pesquisa em ambinte clássico é o domínio, mesmo que instrumental num primeiro momento, do idioma em questão. Espera-se também que os alunos possam aprimorar seus conhecimentos da língua grega ao longo da sua formação. Na Unila especialmente justifica-se o estudo do Grego porque é o principal parâmetro epistemológico ocidental, de modo que até mesmo o vocabulário da ciência, e a medicina é um bom exemplo disso, é quase que inteiramente proveniente da nomenclatura grega, atravessando muitas vezes para o latim sem muitas modificações morfológicas. O estudo das letras clássica, em especial o grego, pode ser fonte de interesse e parâmetro de estudo de outras línguas, sejam elas ou não do chamado tronco Indo-Europeu (IE). Nesse sentido, qualquer tipo de decolonização espistêmica necessariamente deverá dominar os paradigmas epistêmicos ocidentais para, a partir daí, ser capaz de pensar algo fora desse amplo paradigma linguístico-cultural ocidental, no caso Indo-europeu..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Patricia Nakayama - Integrante / Rogerio Gimenes de Campos - Coordenador / LUCAS DOS SANTOS MACHADO - Integrante / ALYSSON LOPES DA COSTA - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal da Integração Latino-Americana - Bolsa.


Revisor de periódico


2017 - 2017
Periódico: Revista de Antropologia (USP. Impresso) ( 003-4770)
2017 - 2017
Periódico: Revista de Antropologia (USP. Impresso) ( 003-4770)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Filosofia Brasileira.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Teoria Política.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Planejamento e Avaliação Educacional/Especialidade: Avaliação de Sistemas, Instituições, Planos e Programas Educacionais.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Japonês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Lê Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Latim
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


1992
Prêmio Bloch Educação/Petrobrás Gonçalvez Dias, Editora Bloch.
1983
Prêmio ?Jovem escritor?, 2º colocado. Redação, categoria infantil, Prefeitura Municipal de São Caetano do Sul.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
NAKAYAMA, Patricia2017NAKAYAMA, Patricia. SOBRE A SEDIÇÃO, A ARTE DA RETÓRICA E O MÉTODO CIENTÍFICO EM THOMAS HOBBES. Revista Reflexões, v. 10, p. 101-116-116, 2017.

2.
NAKAYAMA, Patricia2017NAKAYAMA, Patricia. THE ANTILOGY IN THE IUSPOSITIVISM AND THE IUSNATURALISM IN THOMAS HOBBES. lastorresdelucca, v. 5, p. 119-144, 2017.

3.
NAKAYAMA, Patricia2017NAKAYAMA, Patricia. ACERCA DEL THOMAS HOBBES DEMÓCRATA... O MONÁRQUICO?. BOLETÍN DE LA ASOCIACIÓN DE ESTUDIOS HOBBESIANOS, v. 37, p. 10-15, 2017.

4.
NAKAYAMA, Patricia2007NAKAYAMA, Patricia. Acerca da ideia de história em Hobbes e Espinosa. Polymátheia (UECE), v. III, p. 251-276, 2007.

Capítulos de livros publicados
1.
NAKAYAMA, Patricia. La Retórica Antigua en el Conatus y en la Antropología de Thomas Hobbes.. In: Carlos Balzi ; Marcela Rosales ; Marcelo Gross Villanova. (Org.). Hobbes, naturaleza, historia y política. 1ed.Córdoba: Brujas, 2014, v. 4, p. 1-350.

2.
NAKAYAMA, Patricia. Nossas palavras. In: SONIA NUDELMAN; UNICEF. (Org.). MELHORIA DA EDUCAÇÃO NO MUNICÍPIO. 1ºed.SÃO PAULO: PEIRÓPOLIS, 2003, v. 1, p. -.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
NAKAYAMA, Patricia; SILVA, Monika Dowbor da ; RODRIGUES, Vanusia A. . Os estudantes de Ciências Sociais e a Iniciação Científica. In: 3º SIMPÓSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO, 1995, São Paulo. 3º SIMPÓSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO. SÃO PAULO: OFICINA EDITORIAL, 1995. v. 1. p. 3-452.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SARTORELLI, E. C. ; SILVARES, L. ; FRYDMAN, P. S. ; PAGOTTO-EUZEBIO, M. S. ; DIVINO, M. D. A. ; NAKAYAMA, Patricia . III Congresso Brasileiro de Retórica. In: III Congresso Nacional de Retórica, 2014, São Paulo. Caderno de Resumos do III Congresso Brasileiro de Retórica. São Paulo: USP; UNIFESP, Mackenzie, 2014. v. 1. p. 2-97.

2.
NAKAYAMA, Patricia. O Estado como obra de arte do povo. In: Palestra anual da ANPOF, 2002, São Paulo. ATAS DO X ENCONTRO NACIONAL DE FILOSOFIA, 2002. v. 1. p. 5-405.

Apresentações de Trabalho
1.
NAKAYAMA, Patricia. Hobbes defensor da democracia? Ou da monarquia?. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
NAKAYAMA, Patricia. Acerca del Thomas Hobbes monárquico o demócrata. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
NAKAYAMA, Patricia. NOTES ON THE IDEA OF PHÙSIS IN DEMOCRITUS AND IN EARLY MODERN PHILOSOPHY. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
NAKAYAMA, Patricia. Contribuição ameríndia à história da filosofia clássica e moderna. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
NAKAYAMA, Patricia. Gênero e Identidade? Uma reflexão para tod@s. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
NAKAYAMA, Patricia. Thomas Hobbes: jusnaturalista ou juspositivista?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
NAKAYAMA, Patricia. A arte da retórica na querela sobre a ciência experimental entre Boyle e Hobbes. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
NAKAYAMA, Patricia. Gênese da Ideia de Centralização Política: sobre a tópica da Origem do Discurso e a Política de Thomas Hobbes. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
NAKAYAMA, Patricia. A Filosofia Política e a Arte Retórica de Thomas Hobbes. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
NAKAYAMA, Patricia. LA RETÓRICA ANTIGUA EN EL CONATUS Y EN LA ANTROPOLOGÍA DE THOMAS HOBBES. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
NAKAYAMA, Patricia. Considerações sobre o método científico em Thomas Hobbes e a Inventio Latina. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
NAKAYAMA, Patricia. A presença do enthymema aristotélico na invenção do método científico de Thomas Hobbes. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
NAKAYAMA, Patricia. Sobre o nascimento da eloquência e da vida civil em Thomas Hobbes. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
NAKAYAMA, Patricia. Sobre o Estado de Natureza de Thomas Hobbes. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
NAKAYAMA, Patricia. Falar às Paixões: o exercício político na República de Cícero e na Politéia de Platão. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
NAKAYAMA, Patricia. Sobre a origem da eloquência e o nascimento da política. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
NAKAYAMA, Patricia. El diálogo filosófico critico en Thomas Hobbes. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

18.
NAKAYAMA, Patricia. Sobre a recepção do Estado de Natureza de Thomas Hobbes. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
NAKAYAMA, Patricia. O Populi Motus em Thomas Hobbes. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
NAKAYAMA, Patricia. O Populi Motus de Francis Bacon. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
NAKAYAMA, Patricia. Para una nueva lectura de Thomas Hobbes. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
NAKAYAMA, Patricia. Um estudo comparativo entre os alunos de história e geografia da FFLCH - USP. 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
Monika Dowbor da Silva ; NAKAYAMA, Patricia ; Vanuzia A. Rodrigues . Os estudantes de Ciências Sociais e a Iniciação Científica. 1995. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
NAKAYAMA, Patricia. Chamada Pública 09/2016 da Fundação Araucária - Programa Institucional de Pesquisa Básica e Aplicada. 2017.

2.
NAKAYAMA, Patricia; Braga e Braga, Tomás . MAPA DAS VIVÊNCIAS CULTURAIS DA JUVENTUDE DE SÃO CAETANO DO SUL. 2012.

3.
NAKAYAMA, Patricia; SAKURAI, K. ; AMARAL, R. ; FERRER, J. ; NIGOSKI, O. . Macro zoneamento ecológico econômico do Pontal do Paranapanema. 1999.

Trabalhos técnicos
1.
AMADERA, João Eduardo Daud ; NAKAYAMA, Patricia . Avaliação de aprendizagem da disciplina eletiva "Introdução à acupuntura:Bases Fisiológicas e Aplicações na Prática Clínica MSP 0668" da Faculdade de medicina da USP. 2009.

2.
NAKAYAMA, Patricia; SAKURAI, K. ; PRETTE, Marco Stevam Del ; TEIXEIRA, Elenice e . Aspectos Ambientais e Urbanos do Estado de São Paulo. 1998.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
NAKAYAMA, Patricia; FREITAS, Any ; VASCONCELOS, Alvaro de ; Dodsworth, Alxey . ?Jovens líderes Brasileiros?, do projeto do ESPAS (European Strategy and Policy Analysis System). 2011.

2.
NAKAYAMA, Patricia. Projeções Relativas à Dinâmica da Dimensão Institucional e Visualização Prospectiva para 2007, 2015 e 2022.. 2003. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
NAKAYAMA, Patricia. A RECEPÇÃO DE ANTIFONTE EM THOMAS HOBBES. 2017. .

2.
NAKAYAMA, Patricia. OFICINA PARA PROFESSORES EM FILOSOFIA. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Produção artística/cultural
Artes Cênicas
1.
BRITO, W. S. ; BOLANO, E. ; REIS, Z. C. ; NAKAYAMA, Patricia ; CAMPOS, R. G. ; BRACCO, L. ; PATRONI, A. ; ALMEIDA, G. G. ; CARNAVALLI, V. . Tainá, a estrela amante. 2012. Diversas.

Outras produções artísticas/culturais
1.
NAKAYAMA, Patricia. Mapa das Vivências Culturais da Juventude de São Caetano do Sul. 2012 (Pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
DOMINGUES, Ivan; COELHO, Maria Cecília de Miranda Nogueira; NAKAYAMA, Patricia. Participação em banca de David Emanuel de Souza Coelho. Filosofia Geométrica: crítica à retórica e apropriação da geometria no pensamento de Thomas Hobbes. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Qualificações de Mestrado
1.
RIBEIRO, R. J.; BARROS, Alberto R. G. de; NAKAYAMA, Patricia. Participação em banca de Bruna Neves Barbosa. Da Liberdade dos Súditos: Um Estudo sobre a Liberdade Civil na obra política de Thomas Hobbes. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
ELIAS, EDUARDO DE OLIVEIRA; NAKAYAMA, Patricia; FRIGO, JULIANA; CENCI, LALINE. Participação em banca de Gustavo Florencio Laruta Castillo.La arquitectura como identidad cultural en el caso de la ciudad de La Paz- Bolivia. 2017.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Colóquio Internacional Hobbes. A arte da retórica na querela sobre a ciência experimental entre Boyle e Hobbes. 2015. (Congresso).

2.
V Festival Sul-Americano de Cultura Árabe (SACA-2014).Sobre a interpretação da Grécia Antiga e os Ameríndios. 2014. (Encontro).

3.
IV Festival Sul-Americano da Cultura Árabe.Reflexões sobre sociodiversidade: organização política dos Tojolabares e o Estado moderno. 2013. (Outra).

4.
FEBRACE 2012 ( Feira Brasileira de Ciências e Engenharia).AVALIADORA. 2012. (Outra).

5.
II CONGRESSO BRASILEIRO DE RETÓRICA. Sessão de comunicação 4. 2012. (Congresso).

6.
SP Escola de Teatro.No palco do poder: do mundo real ao mundo possível. 2012. (Encontro).

7.
Conferência: De l'aulétique à la politique, ou comment enchanter la Cité. 2011. (Seminário).

8.
Conferência: Le caractère aulétique des discours de Socrate. 2011. (Seminário).

9.
REPUBLICANISMO E DEMOCRACIA - Colóquio Internacional em Homenagem à Marilena Chauí.. 2011. (Congresso).

10.
REPUBLICANISMO E DEMOCRACIA - Colóquio Internacional em Homenagem à Marilena Chauí.. Mesa 2. 2011. (Congresso).

11.
Colóquio de Filosofia e Sociologia - Colégio Humboldt.O corpo: uma construção da filosofia política. 2009. (Seminário).

12.
Colóquio Internacional Exegese e métodos no pensamento tardo-antigo e altomedieval: tradição platônica. 2008. (Congresso).

13.
Palestra anual da ANPOF.Apresentação de trabalho intitulado : Estado como obra de arte. 2002. (Simpósio).

14.
48º reunião anual da SBPC.Convite para apresentação da pesquisa UM ESTUDO COMPARATIVO DOS ALUNOS DE HISTÓRIA E GEOGRAFIA DA FFLCH-USP em sessão coordenada na 48º reunião anual da SBPC. 1996. (Encontro).

15.
3º SIMPÓSIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DA UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO.Os estudantes de Ciências Sociais e a Iniciação Científica. 1995. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
NAKAYAMA, Patricia; LEIVAS, C. R. C. ; SANTOS, I. T. . IV CONGRESSO INTERNACIONAL THOMAS HOBBES. 2017. (Congresso).

2.
CAMPOS, R. G. ; NAKAYAMA, Patricia . I Encontro de Estética da UNILA. 2017. (Congresso).



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
NAKAYAMA, Patricia2017NAKAYAMA, Patricia. SOBRE A SEDIÇÃO, A ARTE DA RETÓRICA E O MÉTODO CIENTÍFICO EM THOMAS HOBBES. Revista Reflexões, v. 10, p. 101-116-116, 2017.


Apresentações de Trabalho
1.
NAKAYAMA, Patricia. A arte da retórica na querela sobre a ciência experimental entre Boyle e Hobbes. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
NAKAYAMA, Patricia. OFICINA PARA PROFESSORES EM FILOSOFIA. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
NAKAYAMA, Patricia. Projeções Relativas à Dinâmica da Dimensão Institucional e Visualização Prospectiva para 2007, 2015 e 2022.. 2003. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
NAKAYAMA, Patricia; FREITAS, Any ; VASCONCELOS, Alvaro de ; Dodsworth, Alxey . ?Jovens líderes Brasileiros?, do projeto do ESPAS (European Strategy and Policy Analysis System). 2011.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/01/2019 às 13:34:25