Magali dos Santos Moura

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5620995688327934
  • Última atualização do currículo em 05/09/2018


Possui graduação (1992) e mestrado (1998) em Letras pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, doutorado em Literatura Alemã pela Universidade de São Paulo (2006) e Pós-doutorado (2009) em Letras pela UNESP-Araraquara. Atualmente é professora adjunta da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, líder do grupo de pesquisas "Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe" e coordenadora dos convênios firmados entre a UERJ/Instituto de Letras e a Universidade Friedrich Schiller de Jena/Alemanha - Institut für Auslandsgermanistik e entre a UERJ/Instituto de Letras e a Universidade de Colônia/ Portugiesisch-Brasilianisches Institut. É presidente da Associação de Professores de Alemão do Estado do Rio de Janeiro (Apa-Rio). Tem experiência na área de Letras, com ênfase em estudos de literatura comparada e no ensino de alemão como língua estrangeira, assim como no de literatura alemã, atuando principalmente nos seguintes temas: literatura alemã, Goethe, ensino de língua alemã como língua estrangeira, e teoria literária. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Magali dos Santos Moura
Nome em citações bibliográficas
MOURA, M. S.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Centro de Eduacação e Humanidades.
Rua São Francisco Xavier, 529, 11.andar, s.11001
Maracanã
Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 25877123
URL da Homepage: http://


Formação acadêmica/titulação


2001 - 2006
Doutorado em Letras (Língua e Literatura Alemã).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: A poiesis orgânica de Goethe. A construção de um diálogo entre arte e ciência., Ano de obtenção: 2006.
Orientador: Eloá di Piero Heise.
Palavras-chave: Literatura; Teoria Literária; Literatura alemã; Historiografia; Filosofia; Estética.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas / Especialidade: Literatura Alemã.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Teoria Literária.
1994 - 1998
Mestrado em Letras.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: A dupla marginalidade de Cruz e Souza.,Ano de Obtenção: 1998.
Orientador: Maria Consuelo Cunha Campos.
Palavras-chave: Literatura; Política; Sociologia; Historiografia.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Brasileira.
1987 - 1992
Graduação em Letras.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.


Pós-doutorado


2008 - 2010
Pós-Doutorado.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Comparada.


Formação Complementar


2011 - 2011
Institut für Auslandsgermanistik.
Friedrich-Schiller Universität (FSU-Jena),, FSU-Jena, Alemanha.
2007 - 2007
Fortbildung für Ausländische Deutschlehrer/-innen. (Carga horária: 160h).
Goethe Institut, GOETHE, Alemanha.


Atuação Profissional



Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

1994 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2016 - Atual
Direção e administração, Instituto de Letras, .

Cargo ou função
Direção do Instituto de Letras.
10/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Letras, Departamento Lag.

03/2012 - 12/2015
Direção e administração, Instituto de Letras, .

Cargo ou função
Coordenador do Núcleo de Extensão do Instituto de Letras.
03/2009 - 12/2015
Extensão universitária , Instituto de Letras, .

Atividade de extensão realizada
Projeto Portal da època de Goethe - site do Grupo de pesquisa "Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe".
03/2011 - 02/2013
Direção e administração, Instituto de Letras, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
09/2004 - 02/2011
Extensão universitária , Centro de Eduacação e Humanidades, .

Atividade de extensão realizada
Coordenação do curso de alemão para a comunidade no Projeto LICOM do Instituto de Letras.
03/2008 - 02/2009
Direção e administração, Instituto de Letras, .

Cargo ou função
Subchefia do departamento LAG.
2/2007 - 02/2009
Direção e administração, Centro de Eduacação e Humanidades, Instituto de Letras Lag Setor de Alemão.

Cargo ou função
Coordenação Setor Alemão.
8/1995 - 12/1997
Extensão universitária , Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras Anglo-Germânica.

Atividade de extensão realizada
Licom - Lingua alemã para a comunidade.

Colégio Cruzeiro, CC, Brasil.
Vínculo institucional

1994 - 2002
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor de Alemão, Carga horária: 30

Atividades

03/1994 - 12/2002
Ensino,

Disciplinas ministradas
Língua Alemã
03/1994 - 12/2002
Ensino,

Disciplinas ministradas
Lingua Alemã


Linhas de pesquisa


1.
Literatura: tradução e relações (trans)culturais e intersemióticas

Objetivo: Estudo analítico das práticas tradutórias lato sensu, consideradas tanto como elaboração textual quanto como diálogo inter- e transcultural. Estudo das relações entre a linguagem literária e outras linguagens artísticas, especialmente música, artes plásticas e cinema..
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas / Especialidade: Literatura Alemã.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Tradução.
Palavras-chave: Litaratura alemã; Modernidade; Teoria Literária; Estudos culturais; Estudos da tradução.


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
O mito de Fausto e suas ressignificações na contemporaneidade
Descrição: A análise do mito fáustico empreendida no projeto de pesquisa anterior se deteve na análise da história de Fausto como espelhamento do processo de modernidade implementado a partir do Renascimento. A narrativa editada por Spies em 1587 e o drama de Christopher Marlowe (1592) inauguraram um motivo literário que, a partir de então, ocupou lugar de destaque na literatura ocidental: o motivo do pacto com o diabo. Em continuidade com os estudos efetuados, procurar-se-á centrar a pesquisa sobre as variedades assumidas pela trama fáustica na contemporaneidade através da relação intersemiótica entre a literatura e o cinema, englobando também um breve passeio pelas artes plásticas de vanguarda. Tem-se o entendimento de que esse diálogo propicia a continuidade da pesquisa anterior em um enfoque que comtempla o tema da modernidade e da forte relação com a imagem que a cultura ocidental desenvolverá a partir do século XX. Além disso a pesquisa pretende discutir a desconstrução do paradigma da modernidade cuja implementação se baseou no primado do instrumentário racional em detrimento da sensibilidade. Os desejos interditos de Fausto e suas formas de aliança com Mefisto, podem nos fornecer pistas desse processo, integrando a área de estudos literários com a sociologia e a filosofia. Outro ponto que firma o propósito de se promover o diálogo mediático através do estudo das representações fílmicas é a intenção de se traçar um panorama da apropriação do discurso popular e artístico pela indústria cultural. Com esse propósito foram elencadas obras do cinema representantes das variadas vertentes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador.
2013 - Atual
Relações interculturais e o processo tradutório
Descrição: No âmbito do projeto Vice-versa pretende-se realizar um trabalho conjunto entre universidades do Brasil e da Alemanha com o propósito de promover o diálogo intercultural através de um projeto de pesquisa em rede integrada de trabalho. Em conformidade com os projetos de cooperação internacional já firmados com a Universidade de Colônia (Universität zu Köln) / Instituto Luso-Brasileiro (Portugiesisch-Brasilianisches Institut), com a Universidade Friedrich Schiller (Friedrich Schiller Universität ? Jena) / Instituto de Germanística no Exterior e Alemão como Língua Estrangeira e Segunda Língua (Institut für Auslandsgermanistik / Deutsch als Fremd- und Zweitsprache), realizar-se-ão atividades com vistas ao incremento de estudos e ações que propiciem o diálogo entre as culturas brasileira e de expressão alemã para que se fomente a formação de um profissional capaz de criar espaços híbridos de troca de conhecimentos, onde a língua alvo, no caso a alemã, esteja permanentemente confrontada com o substrato cultural daquele que a aprende, formando-se um professor com a consciência de que o momento de ensino de uma língua não é de negação de sua cultura, mas de promoção enriquecedora do confronto e diálogo, contribuindo para a formação da cidadania enquanto ser mundo. O projeto visa a seleção de conteúdo, sua consequente tradução e/ou didatização em aulas de alemão como língua estrangeira, assim como a realização de workshops, palestras e atividades afins no sentido de neles propiciar a divulgação de textos seminais de ambas as culturas com o propósito de promover o diálogo intercultural através do exercício prático da tradução e da reflexão do papel de habilidades interculturais no ensino de língua. A isso somam-se o fomento de atividades transdisciplinares, congregando estudos culturais, antropológicos, históricos, sociológicos, linguísticos e literários..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador / Ebal Sant'Anna Bolacio Filho - Integrante.
2012 - 2013
O homem de engenho: o mito do pactário como repreentação da modernidade.
Descrição: A pesquisa pretende, em primeira linha, investigar em que medida a saga da implantação do projeto da modernidade pode ser acompanhada através do discurso literário. Para tal empresa, escolheu-se a investigação de textos onde a presença de um determinado personagem, muitas vezes assumindo outros nomes, se fez presente. Tem-se em mente aqui Georg Faust, misto de sábio, charlatão, quiroprático, alquimista e feiticeiro cuja transformação de homem histórico em personagem de ficcional delineia o processo de impelemntação da modernidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 12 / Número de orientações: 6
2008 - 2011
A influência do pensamento de Kant na instituição do cânone estético do Primeiro Classicismo (Frühklassik), conforme apresentado por Goethe entre os anos de 1790 e 1794
Descrição: Em prosseguimento aos estudos apresentados em minha tese de doutoramento, intitulada ?A poiesis orgânica de Goethe. A construção de um diálogo entre arte e ciência?, esta pesquisa objetiva apresentar as idéias de Kant que influenciaram Goethe na estruturação do cânone estético nomeado anos mais tarde pela crítica de Classicismo. Procurar-se-á a partir do estudo das edições anotadas por Goethe dos livros do filósofo, Crítica da razão pura (1781) e Crítica do juízo (1790), conforme apresentadas em fac-símile na edição comentada de Géza von Molnár (1994), traçar os elementos do pensamento kantiano que estão presentes na estética goethiana a partir de 1790 e nos anos subseqüentes, anteriores ao início de seu trabalho intenso com Friedrich Schiller a partir de 1795. Este intervalo é justamente aquele, no qual as idéias estéticas de Goethe se estruturam como fruto de sua viagem à Itália..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 11
2007 - 2010
Panorama da Língua Alemã no estado do Rio de Janeiro
Descrição: A finalidade da presente pesquisa é delinear geograficamente a presença da língua alemã no Estado do Rio, tanto no sentido de ensino/aprendizagem da língua, como de centros culturais, através de uma pesquisa de campo. Num segundo momento, pretende-se promover um debate sobre as condições de ensino da língua alemã em nosso Estado, o que leva à proposição de estratégias que atendam às necessidades dos futuros professores de alemão. Além disso, o atual projeto objetiva detectar eventuais carências na formação de nossos alunos-mestres e também ajudará na estruturação de uma especialização lato-senso, curso que não é oferecido por qualquer Universidade sediada em no Estado do Rio..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador.Financiador(es): Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Bolsa / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2004 - 2006
A relação ciência e arte em Goethe
Descrição: O presente projeto de pesquisa trata de stabelecer uma estreita vinculação entre a poética goethiana e sua teoria da ciência, em especial seus conceitos relativos à ciência natural, tais como polaridade (Polarität) e intensificaçao (Steigerung). Conceitos que delineiam a dialética de Goethe..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2014 - Atual
Vice-Versa. Relações interculturais na prática
Descrição: No âmbito do projeto Vice-versa pretende-se realizar, de maneira pioneira no Instituto de Letras, um trabalho conjunto entre universidades do Brasil e da Alemanha com o propósito de promover o diálogo intercultural. Em conformidade com os projetos de cooperação internacional firmados entre a UERJ, a Universidades de Colônia (Universität zu Köln) e também com a Friedrich Schiller Universität ? Jena, assim como com a parceria estabelecida com a Unesp-Araraquara, realizar-se-ão atividades com vistas ao incremento de estudos e ações que propiciem o diálogo entre as culturas brasileira e de expressão alemã para que se fomente a formação de um profissional capaz de criar espaços híbridos de troca de conhecimentos, onde a língua alvo, no caso a alemã, esteja permanentemente confrontada com o substrato cultural daquele que a aprende, formando-se um professor com a consciência de que o momento de ensino de uma língua não é de negação de sua cultura, mas de promoção enriquecedora do confronto e diálogo, contribuindo para a formação da cidadania enquanto ser mundo. O projeto visa a seleção de conteúdo, sua consequente tradução e/ou didatização em aulas de alemão como língua estrangeira, assim como a realização de workshops, palestras e atividades afins no sentido de neles propiciar a divulgação de textos seminais de ambas as culturas com o propósito de promover o diálogo intercultural através do exercício prático da tradução e da reflexão do papel de habilidades interculturais no ensino de língua. A isso soma-se o fomento de atividades transdisciplinares, congregando estudos culturais, antropológicos, históricos, sociológicos, linguísticos e literários..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador / Ebal Sant'Anna Bolacio Filho - Integrante.Número de orientações: 1
2010 - 2015
Produção do Portal da Época de Goethe
Descrição: O nome de Johann Wolfgang von Goethe é conhecido no cenário mundial como o mais representativo da cultura alemã. O que é conhecido por poucos aqui no Brasil é que seu nome presta-se para caracterizar toda uma época que abrange movimentos que convivem entre si, se complementam e, ao mesmo tempo, se confrontam, promovendo um vigoroso debate intelectual raras vezes visto de forma tão condensada na história cultural da humanidade. Vivendo por longos 82 anos, Goethe teve a oportunidade de assistir à derrocada final da visão de mundo baseada numa concepção integradora e viu surgir a forma de pensar dualista, baseada numa matematização e mecanização progressiva das ciências que passaram a ser compartimentadas em especialidades cada vez mais específicas, forjando uma forma de pensar, a qual cria o que Max Weber caracterizou como ?desencantamento do mundo?. O golpe final no encantamento do mundo, perpetrado pelos divulgadores de uma visão exclusivamente racionalista, forjou a base do movimento do Iluminismo que assume feições peculiares em solo alemão, terreno dos místicos que insistiam em renascer em pleno século das luzes emprestando tonalidades escuras às luzes esclarecedoras. Assim nascia o Romantismo alemã prenhe de jogos de claro-escuro, de magia, sombras e segredos reveladores. Mas por outro lado, o encantamento do mundo teimava em resistir através do Classicismo Alemão. No nascimento da visão de mundo moderna, Goethe e Schiller insistiam no louvor ao mundo grego. Desta forma, temas como individualidade, liberdade, livre arbítrio, religião e imaginação são vistos e apresentados de forma variada. Essas angulações acabam por criar um período de intensos debates. No período em que o capitalismo necessita sobreviver ao limite da matéria e do consumo, faz-se quase que imprescindível e natural a volta ao debate sobre o ideário da época que forjou a sociedade contemporânea. Este é o objetivo maior da elaboração do site sobre a época de Goethe..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador / Ana Cristina Dias - Integrante / Wilma Patrícia Dinardo Maas - Integrante.Financiador(es): UERJ/SR3 - Bolsa.Número de orientações: 3
2004 - 2008
Línguas para a Comunidade (Licom)- Alemão
Descrição: Temos como objetivo principal, refletir sobre as especificidades tanto do processo de ensino, quanto do de aprendizagem em Língua Estrangeira, mais especificamente em Língua Alemã, desenvolvendo, através dessa prática reflexiva, uma consciência tanto como profissional, como aprendiz, na qual a concepção de si mesmo e do mundo adquira novas perspectivas, o que reverte diretamente no modo de atuação na sociedade..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador / Maria de Fátima de Morais Melki - Integrante.Número de orientações: 12


Projetos de desenvolvimento


2012 - Atual
O homem de engenho: o mito do pactário como representação da modernidade
Descrição: A pesquisa pretende, em primeira linha, investigar em que medida a saga da implantação do projeto da modernidade pode ser acompanhada através do discurso literário. Para tal empresa, escolheu-se a investigação de textos onde a presença de um determinado personagem, muitas vezes assumindo outros nomes, se fez presente. Tem-se em mente aqui Georg Faust, misto de sábio, charlatão, alquimista e feiticeiro. Viveu entre cerca de 1480 e 1540, no limiar de uma nova era ? de uma nova forma de pensar e estar no mundo. A tematização do conceito de modernidade através do estudo do chamado mito fáustico se dará ao longo de três momentos: o período da Renascença, o período da Aufklärung e o da contemporaneidade, procurando apontar os embates e questionamentos expressos nesses momentos. Desta forma almeja-se delinear através da análise de textos literários e de obras cinematográficas a história do despertar da consciência da individualidade nos tempos modernos e sua ânsia trágica causada pelo anseio de superação da condição humana pela busca do ilimitado..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Magali dos Santos Moura - Coordenador.


Membro de corpo editorial


2015 - Atual
Periódico: Palimpsesto (Rio de Janeiro. Impresso)
2006 - 2008
Periódico: Forum Deustch - Revista Brasileira de Estudos Germanísticos
2006 - 2013
Periódico: Projekt (revista da associação de Professores de Alemão do Brasil - ABRAPA)


Revisor de projeto de fomento


2016 - 2016
Agência de fomento: Deutscher Akademischer Austauschdienst


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Línguas Estrangeiras Modernas.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas/Especialidade: Literatura Alemã.


Idiomas


Alemão
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2014
Bolsa estada de pesquisa pelo Programa GIP (Germanistische nstitutspartnerschaft) como integrante do projeto de Unibral UERJ-Friedrich Schiller Universität Jena, Capes.
2013
Bolsa estada de pesquisa pelo Programa GIP (Germanistische nstitutspartnerschaft) concedida pelo Daad como integrante do projeto de parceria UERJ-Friedrich Schiller Universität Jena, DAAD (Serviço de Intercâmbio Alemão).
2012
Bolsa estada de pesquisa pelo Programa GIP (Germanistische nstitutspartnerschaft) concedida pelo Daad como integrante do projeto de aprceria UERJ-Friedrich Schiller Universität Jena, DAAD (Serviço de Intercâmbio Alemão).
2012
Bolsa APQ 1 Faperj O homem de engenho, Faperj.
2012
Auxílio realização evento, Capes.
2012
APQ 2 - Auxílio organização de evento, Faperj.
2011
Bolsa estada de pesquisa pelo Programa GIP (Germanistische nstitutspartnerschaft) concedida pelo Daad como integrante do projeto de aprceria UERJ-Friedrich Schiller Universität Jena, DAAD (Serviço de Intercâmbio Alemão).
2009
APQ 2 - Auxílio organização de evento, Faperj.
1998
100 anos sem Cruz e Souza, Senado Federal.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
MOURA, M. S.2017MOURA, M. S.. ?Ora diz lá, tens religião?? ?Ora diz lá, tens religião?? ? ?Cada um tem a sua religião?. Questões acerca do discurso religioso no Fausto I de Goethe. REVISTA BRASILEIRA DE LITERATURA COMPARADA, v. V.18, n.29, p. 1-22, 2017.

2.
BOLACIO, Ebal Sant'Anna2016BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; MOURA, M. S. . Vice-versa: relações interculturais na prática? ? um projeto interinstitucional na área de tradução entre universidades brasileiras e alemãs. GRAPHOS (JOÃO PESSOA), v. 18, p. 56-67, 2016.

3.
MOURA, M. S.2011MOURA, M. S.. DA MAGIA A KANT: CONSIDERAÇÕES SOBRE A RELAÇÃO DE GOETHE COM A FILOSOFIA. Matraga (Rio de Janeiro), v. 29, p. 112-137, 2011.

4.
MOURA, M. S.2009MOURA, M. S.. A língua alemã no Rio de Janeiro - Uma presença marcante. Projekt (Curitiba), v. 1, p. 45-49, 2009.

5.
MOURA, M. S.2008MOURA, M. S.. O RISO DIABÓLICO EM MACHADO E GOETHE. ALGUMASREFLEXÕES SOBRE A LUTA DO MAL CONTRA O BEM. Revista de Letras (São Paulo), v. 48 Nr2, p. 131-150, 2008.

6.
MOURA, M. S.2007MOURA, M. S.. A liberdade entre a emoção e a razão. aspectos da literatura alemã da Aufklärung e do Sturm und Drang. Forum Deustch - Revista Brasileira de Estudos Germanísticos, v. XI, p. 145-157, 2007.

7.
MOURA, M. S.2006MOURA, M. S.. Entre amor e ódio. O início da amizade entre Goethe e Schiller. Forum Deustch - Revista Brasileira de Estudos Germanísticos, Rio de Janeiro, v. X, p. 126-137, 2006.

8.
MOURA, M. S.2006MOURA, M. S.. A poética do vivente. Uma resposta de Goethe à mecanização do mundo. Boletim Inter-Cultural (Rio de Janeiro), Rio de Janeiro, v. n.35, 2006.

9.
MOURA, M. S.2005MOURA, M. S.. Goethe e os mitos gregos. Forum Deustch - Revista Brasileira de Estudos Germanísticos, Rio de Janeiro, p. 97-112, 2005.

10.
MOURA, M. S.2004MOURA, M. S.. A figura feminina na obra de Goethe. Forum Deustch - Revista Brasileira de Estudos Germanísticos, Rio de Janeiro, p. 17-47, 2004.

11.
MOURA, M. S.2003MOURA, M. S.. A crítica de Hegel ao conceito de ironia em Schlegel. Forum Deustch - Revista Brasileira de Estudos Germanísticos, Rio de Janeiro, p. 58-67, 2003.

12.
MOURA, M. S.2002MOURA, M. S.. O todo e o fragmento: interseções entre o Classicismo de Weimar e o Romantismo de Jena.. Forum Deustch - Revista Brasileira de Estudos Germanísticos, Rio de Janeiro, v. VI, p. 52-67, 2002.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; Grimm, Jacob ; Grimm, Wilhelm . Lendas alemãs. As lendas do Diabo.. 1. ed. Rio de Janeiro: Dialogartes, 2017. v. 1. 235p .

2.
MOURA, M. S.; ARAÚJO, Nabil (Org.) . Imagens de Fausto: história, mito e literatura.. 1. ed. Rio de Janeiro: Makunaima, 2017. v. 1. 291p .

3.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna (Org.) ; STANKE, Roberta (Org.) ; SALIES, T. G. (Org.) . Ensino e aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis.. 1. ed. Rio de Janeiro: DIALOGARTES, 2017. 271p .

4.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna (Org.) ; SALIES, T. G. (Org.) ; STANKE, Roberta (Org.) . Ensino-aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis - volume 2.. 1. ed. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2015. v. 1. 239p .

5.
MOURA, M. S.; SALIES, T. G. (Org.) ; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes (Org.) ; BOLACIO, Ebal Sant'Anna (Org.) . Ensino-aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis Vol I. 1. ed. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014. v. 1. 206p .

6.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna (Org.) . O Diabo nas Lendas Alemãs dos Irmãos Grimm. 1. ed. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014. v. 1. 163p .

7.
MOURA, M. S.; CAMBEIRO, Delia (Org.) . Magias, encantamentos e metamorfoses: fabulações modernas e suas expressões no iaginário contemporâneo. 1. ed. Rio de Janeiro: De Letras, 2013. v. 1. 250p .

8.
MOURA, M. S.; CHEN, Eva (Org.) . Kulturdidaktik im Unterricht Deutsch als Fremdsprache: Facetten der Vermittlung von Kultur und Landeskunde. 1. ed. Rio de Janeiro: Apa-Rio, 2013. v. 1. 188p .

9.
MOURA, M. S.; CAMBEIRO, Delia (Org.) . 200 Anos dos Contos Maravilhosos dos Irmãos Grimm. 1. ed. Rio de Janeiro: Apario, 2013. v. 1. 100p .

10.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Maria Furtado (Org.) . Fausto de Goethe e a contemporaneidade. Questões fáusticas no século XXI. Rio de Janeiro: De Letras / ApaRio, 2012. v. 1. 220p .

11.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Maria Furtado . Aspectos da Época de Goethe. 1. ed. Rio de Janeiro: H. P. Comunicação Associados, 2011. v. 1. 199p .

12.
CAMBEIRO, Delia (Org.) ; MOURA, M. S. (Org.) ; SILVA, Regina Celi A. da (Org.) . Literatura, Ética e poder. Encontros com a literatura universal II. Rio de Janeiro: H. P. Comunicação Associados, 2011. 199p .

13.
CAMBEIRO, Delia (Org.) ; MOURA, M. S. (Org.) . De rupturas e seus protagonistas. Encontros com a literatura mundial. 1. ed. Rio de Janeiro: Botelho Editora ME, 2007. v. 1.

14.
MOURA, M. S.. A poiesis orgânica de Goethe. A construção de um diálogo entre arte e ciência.. , 2006. v. 1. 354p .

Capítulos de livros publicados
1.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . Da prática à teoria e vice-versa: um projeto de tradução, exercício intercultural e ensino de língua estrangeira 9alemão). In: Antunes, Maria Alice; PESSOA, Davi. (Org.). Diferenças e singularidades. Pesquisa em tradução no Instituto de Letras da Uerj. 1ed.Rio de Janeiro: Dialogartes, 2018, v. 1, p. 76-85.

2.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . Os Irmãos Grimm, as lendas e o Diabo. Algumas palavras introdutórias.. In: Magali dos Santos Moura; Ebal Bolacio. (Org.). Lendas alemãs. As lendas do Diabo.. 1ed.Rio de Janeiro: Dialogartes, 2017, v. 1, p. 10-16.

3.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . As lendas, o processo tradutório e seus tradutores.. In: Magali dos Santos Moura; Ebal Bolacio. (Org.). Lendas alemãs. As lendas do Diabo.. 1ed.Rio de Janeiro: Dialogartes, 2017, v. 1, p. 226-229.

4.
MOURA, M. S.. FAUSTO, UMA HISTÓRIA POPULAR DE VÁRIAS FACES. Rastros da trama fáustica na música popular e na literatura de cordel brasileiras. In: WERKEMA, Andrea; PINHO, Davi; MAGRI, Ieda; DAVINO, Leonardo.. (Org.). Conversas sobre literatura em tempos de crise. 1ed.Rio de Janeiro: Edições Makunaima, 2017, v. 1, p. 376-395.

5.
MOURA, M. S.; COUTO, Juliana . Clássicos revisitados na aula de alemão como língua estrangeira. In: Moura, Magali; Bolacio, Ebal; Stanke, Roberta; Salies, Tânia.. (Org.). Ensino e aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis.. 1ed.Rio de Janeiro: Dialogartes, 2017, v. , p. 38-54.

6.
MOURA, M. S.. MAGEM E CULTURA: RELAÇÕES CULTURAIS NO CINEMA E NA INTERNET. In: Darcília Simões. (Org.). Mídia e Comunicação. O Verbal e o Não Verbal em Ação. 1ed.: , 2016, v. 1, p. 333-357.

7.
MOURA, M. S.; SALIES, T. G. ; BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes . Interculturalidade e transculturalidade na era pós-método: lendas no processo ensino/aprendizagem de alemão como língua estrangeira. In: Magali dos Santos Moura; Ebal Bolacio; tania Salies; Roberta Stanke. (Org.). Ensino-aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis - volume 2.. 1ed.Rio de Janeiro: Letra Capital, 2015, v. 2, p. 157-182.

8.
BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; MOURA, M. S. . Übersetzung zwischen Sprachen und Kulturen. In: Deutsche Akademische Austauschdienst. (Org.). Germanistik in Brasilein: Herausforderungen, Vermittlungswege, Übersetzungen. 1ed.Göttingen: Wallstein, 2014, v. , p. 56-58.

9.
MOURA, M. S.. Ausbildung von DaF-Lehrkräften. Universelle und kulturspezifische Faktoren und Inhalte. In: Deutscher Akademischer Austauschdienst. (Org.). Germanistik in Brasilein: Herausforderungen, Vermittlungswege, Übersetzungen. 1ed.Göttingen: wallstein, 2014, v. , p. 136-144.

10.
MOURA, M. S.. Um mito cruza o oceano. Vestígios da trama fáustica no cancioneiro brasileiro e na literatura de cordel brasileira. In: Fernanda Aquino Sylvestre; Maria Cristina Batalha. (Org.). Literaturas em Diálogo: O Brasil e outras Literaturas. 1ed.Rio de Janeiro: Dialogarts, 2014, v. 1, p. 60-75.

11.
MOURA, M. S.. A trajetória ímpar de Cruz e Sousa. In: Lara Brück-Pamplona ; Alexandre Pereira Martins (Hrsg.). (Org.). Contra a corrente: Portugiesisch­sprachige Literatur(en) gegen den Strom. 1ed.Hamburg: Verlag Dr. Kovač, 2014, v. 1, p. 125-155.

12.
MOURA, M. S.; SALIES, T. G. ; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes ; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . Ensino-aprendizagem de alemão como língua estrangeira: Introdução. In: Magali Moura; Tânia Gastão Saliés; Roberta Sol Stanke; Ebal Bolacio. (Org.). Ensino-aprendizagem de alemão como língua estrangeira: Introdução. 1ed.Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014, v. 1, p. 07-11.

13.
BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; MOURA, M. S. . Um novo velho método? A tradução na formação de professores de alemão como língua estrangeira. In: Magali Moura; Tânia Gastão Saliés; Roberta Sol Stanke; Ebal Bolacio. (Org.). Ensino-aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis. 1ed.Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014, v. 1, p. 91-109.

14.
MOURA, M. S.. Do "inter" ao "trans": interação como necessidade no ensino de alemão como língua estrangeira. In: Ebal Bolacio; Hermann Funk. (Org.). Kulturdidaktik im Unterricht Deutsch als Fremdsprache. Deutsch lehren und lernen kooperativ , kompetent, kreativ. 1ed.: Apario, 2014, v. 1, p. 165-184.

15.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . À guisa de introdução. In: Magali dos Santos Moura; Ebal Bolacio. (Org.). O Diabo nas Lendas Alemãs dos Irmãos Grimm. 1ed.Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014, v. 1, p. 10-15.

16.
MOURA, M. S.. O mundo encantado de Goethe. In: Moura, Magali; Cambeiro, Delia. (Org.). Magias, encantamentos e metamorfoses: fabulações modernas e suas expressões no imaginário contemporâneo. 1ed.Rio de Janeiro: PPG em Letras UERJ, 2013, v. 1, p. 67-89.

17.
MOURA, M. S.. DaF an der UERJ - Der Anfang einer neuen Sichtweise. In: Moura, Magali; Chen, Eva. (Org.). Kulturdidaktik im unterricht deutsch als fremdsprache: facetten der vermittlung von kultur und landeskunde an fremdsprachenlernende. 1ed.Rio de Janeiro: Apa-Rio, 2013, v. 1, p. 00-00.

18.
MOURA, M. S.. Sobre natureza e ciência no Fausto de Goethe. In: Magali Moura; Izabela Kestler. (Org.). Fausto de Goethe e a contemporaneidade. Questões fáusticas no século XXI. Rio de Janeiro: De Letras, 2012, v. , p. 61-92.

19.
MOURA, M. S.. Apresentação. In: Magali Moura; Izabela Kestler. (Org.). Fausto de Goethe e a contemporaneidade. Questões fáusticas no século XXI. Rio de Janeiro: De Letras / ApaRio, 2012, v. , p. 9-11.

20.
MOURA, M. S.. ENTRE O OUTRO E SI MESMO: O SIGNIFICADO DO OLHAR NA VIAGEM À ITÁLIA DE GOETHE. In: Luiz Barros Montez (org.). (Org.). Viagens e deslocamentos. Questões de identidade e representação em textos, documentos e coleções. 1ed.Rio de Janeiro: Móbile Editorial, 2012, v. , p. 70-77.

21.
ESPÍNDOLA, Arley ; MOURA, M. S. . CONTRASTES NATURAIS: CONSIDERAÇÕES ACERCA DA RELAÇÃO ENTRE O SOLITÁRIO ROUSSEAU E O MUNDANO GOETHE. In: Arlei de Espindola (Org.). (Org.). Rousseau: pontos e contrapontos.. 1ed.Sao Paulo: Barcarolla e Discurso Editorial, 2012, v. , p. 249-267.

22.
MOURA, M. S.. Goethe e a religação com o mundo. In: Sperber, Suzi Frankl. (Org.). Presença do sagrado na literatura. 1ed.Campinas: Unicamp -IEL-Setor de Publicações, 2011, v. 1, p. 173-183.

23.
CAMBEIRO, Delia ; MOURA, M. S. ; SILVA, Regina Céli Alves da . Apresentação. In: Delia Cambeiro; Magali Moura; Regina Céli Alves da Silva. (Org.). Literatura, Ética e poder. Encontros com a literatura universal II. Rio de Janeiro: H. P. Comunicação Associados, 2011, v. 2, p. 5-9.

24.
MOURA, M. S.. Deutsch in Rio ? Ein Überblick. In: Annegret Middeke. (Org.). Entwicklungstendenzen germanistischer Studiengänge im Ausland. Sprache ? Philologie ? Berufsbezug. 1ed.Göttingen - Alemanha: Universitätsverlag Göttingen, 2010, v. , p. 191-198.

25.
MOURA, M. S.. A poética orgânica de Goethe. Quando arte e ciência se encontram. In: Coutinho, Eduardo; Coco, Pina. (Org.). Beyond Binarisms. Rio de Janeiro: Aeroplano, 2009, v. 2, p. 244-251.

26.
MOURA, M. S.. A estética orgânica de Goethe e o conceito de organismo. In: Sandra Nitrini et alii. (Org.). Literatura, Artes, Saberes . Anais do XI Encontro Regional da Associação Brasileira de Literatura Comparada,. São Paulo: Abralic, 2007, v. , p. -.

27.
MOURA, M. S.. Expressão ? ação: a procura por um novo paradigma. Considerações sobre o Expressionismo alemão. In: Cambeiro, Delia; Moura, Magali. (Org.). De Rupturas e seus protagonistas. Encontros com a literatura mundial. 1ed.Rio de Janeiro: Botelho Editora ME, 2007, v. 1, p. 242-282.

28.
MOURA, M. S.. A reunião dos tempos. In: Manuel da Costa Pinto. (Org.). EntreClássicos Goethe. 1ed.São Paulo: Duetto, 2006, v. 5, p. 26-33.

29.
MOURA, M. S.. Cenas de uma tragédia: o Fausto de Goethe quadro a quadro. In: Manuel da Costa pinto. (Org.). EntreClássicos. 1ed.São Paulo: Duetto, 2006, v. 5, p. 34-37.

30.
MOURA, M. S.. A construção goethiana do sujeito moderno através dos mitos gregos. In: Fernanda Lemos. (Org.). Do Clássico ao contemporâneo: As várias vertentes da cultura grega. Rio de Janeiro: Horus, 2006, v. , p. -.

31.
MOURA, M. S.. Entre o individual e o universal: considerações sobre o Sturm und Drang e o romantismo de Jena. In: GALVÃO, Carlos Tadeu; KLINGER, Diana; CHAVES DE MELO, Luísa; ABI-SÂMARA, Raquel. (Org.). Letras: horizontes visíveis.. 1ed.Rio de Janeiro: Comunicação Editora, 2003, v. , p. 99-108.

32.
MOURA, M. S.. Com Goethe, Novalis e Rilke pela noite.. In: Izabela Maria Furtado Kestler. (Org.). Estudos Anglo-germânicos em Perspectiva. 1a.ed.Rio de Janeiro: Ed. Faculdade de Letras, 2002, v. I, p. 119-131.

33.
MOURA, M. S.. A dupla marginalidade de Cruz e Sousa frente à sociedade branca e à racionalidade positiva. In: Celso Luiz Ramos de Medeiros. (Org.). Prêmio Cruz e Sousa : monografias premiadas. Brasilia: Congresso Nacional, 1998, v. i, p. -.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MOURA, M. S.. Fausto a reunião dos tempos. Carnaval 2013 - Unidos da Tijuca, Rio de Janeiro, p. 60 - 61, 01 fev. 2013.

2.
MOURA, M. S.. As razões de Werther. O papel da sensibilidade na formação da individualidade. Cult (São Paulo), São Paulo, p. 50 - 53, 01 nov. 2008.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
MOURA, M. S.. O MARAVILHOSO E FANTÁSTICO EM HISTÓRIAS POPULARES. VARIAÇÕES SOBRE O TEMA DO PACTO COM O DIABO EM LITERATURAS DE EXPRESSÃO PORTUGUESA E ALEMÃ. In: XIII Congresso Internacional da ABRALIC - Internacionalização do Regional, 2013, Campina Grande. ANAIS ABRALIC INTERNACIONAL Associação Brasileira de Literatura Comparada. Campina Grande: Abralic, 2013. v. 1.

2.
GARCIA, F. ; PINTO, M. ; MICHELLI, R. ; MOURA, M. S. . Imbricações entre o mundo natural e o mundo sobrenatural no Fausto de Goethe. In: do VII Painel Reflexões sobre o Insólito na narrativa ficcional/ II Encontro Regional Insólito como Questão na Narrativa Ficcional, 2011, Riio de Janeiro. Insólito, mitos, lendas, crenças. Rio de Janeiro: DIALOGARTES, 2010. v. 5. p. 338-352.

3.
MOURA, M. S.. Contraste naturais. Considerações acerca da relação entre o solitário Rousseau e o mundano Goethe. In: IV Colóquio Rousseau - Rousseau: Filosofia, literatura e educação, 2009, Londrina. Anais do IV Colóquio Rousseau - Rousseau: Filosofia, literatura e educação. Londrina: Grafica UEL, 2009. v. 1. p. 353-362.

4.
MOURA, M. S.. OS DEUSES GREGOS DE FRIEDRICH SCHILLER E A FORMAÇÃO DE UMA GRÉCIA ALEMÃ. In: IV Congresso de Letras Clássicas e Orientais, 2009, Rio de JAneiro. Principia (Rio de Janeiro). Rio de Janeiro: Botelho Editora, 2009. v. 1. p. 88-94.

5.
MOURA, M. S.. Os diabos do bruxo. As fronteiras entre o sobrenatural e o humano em Machado e Goethe. In: I Seminário MAchado de Assis., 2008, Rio de Janeiro. Machado de Assis: novas perspectivas sobre a obra e o autor no centenário de sua morte. Rio de Janeiro: De Letras, 2008.

6.
MOURA, M. S.. Os impulsos de vida e morte no Fausto de Goethe e construção de uma dinâmica orgânica. In: XI Congresso Internacional da ABRALIC, 2008, São Paulo. Tessituras, Interações, Convergências . Anais do XI Congresso Internacional da Associação Brasileira de Literatura Comparada.. São Paulo: Abralic, 2008.

7.
MOURA, M. S.. A poética orgânica de Goethe. Quando arte e ciência se encontram. In: XVIII Congress of the international Comparativee Literature Association (ICLA), 2007, Rio de Janeiro. PARA ALÉM DOS BINARISMOS : DESCONTINUIDADE E DESLOCAMENTOS EM LITERATURA COMPARADA, 2007.

8.
MOURA, M. S.. Uma possível contribuição de Goethe para o conceito de desenvolvimento histórico. In: X CONGRESSO INTERNACIONAL ABRALIC, 2006, Rio de Janeiro. O local, o regional, o nacional, o inter-nacional, o planetário: lugares dos discursos literários e culturais: Literatura e (re)escritura da história, 2006.

9.
MOURA, M. S.. Uma possível contribuição de Goethe para o conceito de desenvolvimento histórico. In: X Congresso Internacional da Abralic, 2006, Rio de Janeiro. Lugares dos Discursos, 2006.

10.
MOURA, M. S.. Aspectos do diálogo entre ciência e arte em Goethe. In: ENCONTRO REGIONAL ABRALIC, 2005, Rio de Janeiro. Sentidos dos Lugares, 2005.

11.
MOURA, M. S.. Aspectos do diálogo entre ciência e arte em Goethe. In: X Encontro Regional da ABRALIC, 2005, Rio de Janeiro. Sentidos dos lugares, 2005.

12.
MOURA, M. S.. Wie und wozu list man im Unterricht? Eine Überlegung anhand der Arbeit in einer Schule in Rio. In: Internationales Seminar Didaktik und Methodik des Deutschen als Fremdsprache, 2001, Rio de Janeiro. Deutsch als Fremdsprache / Alemão como lïngua estrangeira. Rio de Janeiro: Ufrj, 2000. v. 1. p. 126-132.

13.
MOURA, M. S.. O amor na lírica de Goethe. In: IV Congresso de professores de alemão, 2000, Curitiba. Perspectivas do alemão no Brasil na passagem do século. Curitiba: ABRAPA, 1999. v. 1. p. 343-354.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MOURA, M. S.. O fantástico mundo das lendas alemãs e brasileiras. In: Vertentes do fantástico no Brasil: tendências da ficção e da crítica - VI Encontro Nacional O Insólito como Questão na Narrativa Ficcional / XIV Painel Reflexões sobre o insólito na narrativa ficcional, 2015, Rio de Janeiro. Caderno de resumos e programação Vertentes do fantástico no Brasil: tendências da ficção e da crítica. Rio de Janeiro: Dialogartes, 2015. v. 1. p. 51-51.

2.
MOURA, M. S.. O mito fáustico: das letras às telas. Relação entre literatura e cinema. In: Vertentes do fantástico no Brasil: tendências da ficção e da crítica -VI Encontro Nacional O Insólito como Questão na Narrativa Ficcional / XIV Painel Reflexões sobre o insólito na narrativa ficcional, 2015, Rio de Janeiro. Caderno de resumos e programação Vertentes do fantástico no Brasil: tendências da ficção e da crítica. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2015. v. 1. p. 150-151.

3.
MOURA, M. S.. O Fausto de Goethe e o Fasuto de Spies. Diálogos modernos e contemporâneos. In: XV Congresso da Associação Latino-americana de Estudos Germanísticos, 2014, Curitiba. Caderno de Resumos do XV Congresso da associação Latino-americana de Estudos Germanisticos. Curitiba, Brasil: Quadrioffice Editora, 2014. v. 1. p. 86-86.

4.
MOURA, M. S.. O papel da cultura na formação de professores de línguas adicionais: o mito cáustico como exemplo. In: XV Congresso da Associação Latino-americana de Estudos Germanísticos, 2014, Curitiba. Caderno de Resumos do XV Congresso da associação Latino-americana de Estudos Germanisticos. curitiba, Brasil: Quadrioffice Editora, 2014. v. 1. p. 311-311.

5.
MOURA, M. S.. E Fausto Viu Helena... E Goethe Viu Faustina... Grécia, Roma e Goethe. In: V Congresso de Letras Clássicas e Orientais e I Congresso Nacional de letras clássicas e orientaisorientais, 2011, Rio de Janeiro. Imagens e miragens. A instância do olhar na Antiguidade Clássica e Oriental.. Rio de Janeiro: Revista Principia, 2011. v. 1. p. 22-23.

6.
MOURA, M. S.. Goethe e a religação com o mundo. In: XXV Encontro Nacional da ANPOLL, 2010, Belo Horizonte. Memórias e perspectivas. Caderno de resumos do XXV ENEANPOLL, 2010.

7.
MOURA, M. S.. Prometeu e Fausto. Potência e impotência diante dos mistérios da natureza. In: III Congresso de Letras Clássicas e Orientais do Instituto de Letras da UERJ, 2007. Principia (Rio de Janeiro). p. 35-32.

8.
MOURA, M. S.. A ESTÉTICA DE GOETHE E O CONCEITO DE ORGANISMO. In: XI Encontro Regional da ABRALIC, 2007, São Paulo. Literatura, Artes & Saberes, 2007.

9.
MOURA, M. S.. Da harmonia à ironia. Do encanto ao desencanto com o mundo. In: XIV SEMANA INTERDISCIPLINAR DE ESTUDOS ANGLO-GERMÂNICOS, 2006, Rio de Janeiro. FABRICAÇÕES DISCURSIVAS, REALIDADES EM CONSTRUÇÃO.

10.
MOURA, M. S.. Eros e Tânatos no Fausto de Goethe. In: II Simposio de Estudos Helenicos, 2006, Rio de Janeiro. Itinerários Helenicos. v. 1. p. 23-23.

11.
MOURA, M. S.. Aspectos do diálogo entre ciência e arte em Goethe. In: X Encontro Regional da ABRALIC, 2005, Rio de Janeiro. Sentidos dos Lugares, 2005. v. único. p. 117.

12.
MOURA, M. S.. O encontro de Goethe e Schiller. In: XIII Semana Interdisciplinar de Estudos Anglo-germânicos, 2005, Rio de Janeiro. Texto, contexto e hipertexto, 2005.

13.
MOURA, M. S.. XIII Semana Interdisciplinar de Estudos Anglo-germânicos. In: XIII Semana Interdisciplinar de Estudos Anglo-germânicos, 2005, Rio de Janeiro. Texto, Contexto e Hipertexto, 2005.

14.
MOURA, M. S.. O jovem Goethe e os mitos gregos. In: Itinerarios helênicos, 2004, Rio de Janeiro. Itinerários Helênicos - Livro de resumos do I Simpósio de Estudos Helênicos., 2004. p. 20.

15.
MOURA, M. S.. A liberdade entre a emoção e a razão. In: XII Semana Interdisciplinar de Estudos Anglo-germânicos, 2004, Rio de Janeiro. Performance: Linguagens em ação. Caderno de resumos., 2004.

16.
MOURA, M. S.. A figura feminina na obra de Goethe. In: X Semana Interdisciplinar de Estudos Germânicos, 2002, Rio de Janeiro. Rumos das Letras. p. 25.

17.
MOURA, M. S.. O Expressionismo alemão e a procura de um novo homem na cidade moderna. In: 2. Encontro de Ciência da Literatura, 2002, Rio de Janeiro. Espaço e Escrita, 2002.

18.
MOURA, M. S.. Entre o universal e o individual. Considerações acerca do período Sturm und Drang e o Romantismo de Jena.. In: I Encontro Internacional de estudantes de Pós-Graduação em Letras, 2002, Rio de Janeiro. Caderno de resumos, 2002.

19.
MOURA, M. S.; NEUMANN, G. . Colégio Cruzeiro de apresent. O alemão em âmbito escolar.. In: IV Congresso de professores de alemão, 2000, Curitiba. Perspectivas do alemão no Brasil na passagem do século.. Curitiba: ABRAPA, 1999. v. 1. p. 633-633.

Apresentações de Trabalho
1.
MOURA, M. S.. De história em história nasce um mito: o trajeto do pactário Fausto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
MOURA, M. S.. De história em história nasce um mito: o trajeto do pactário Fausto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MOURA, M. S.. Aventuras extraordinárias no imaginário popular: as lendas alemãs do Diabo e o Doutor Fausto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MOURA, M. S.. As histórias do Dr. Fausto: um capítulo da literatura alemã. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
MOURA, M. S.. Faust. Vom deutschen Volksbuch zum brasilianischen Cordel. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
MOURA, M. S.. Um mito cruza o oceano. Vestígios da trama fáustica na literatura de cordel brasileira. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
MOURA, M. S.. O Fausto de Goethe e o Fausto de Spies. Diálogos modernos e contemporâneos. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
MOURA, M. S.. ?Literatur und Interkulturalität: der Faustmythos in der deutschen und brasilianischen Literatur?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
MOURA, M. S.. De Faustos e Helenas: Apropriações e recriações anglo-germânicas. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
MOURA, M. S.. Goethe entre o Oriente e o Ocidente: a cosntrução de um modelo de modernidade intercultural. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
MOURA, M. S.. O maravilhos e fantástico em histórias populares. Variações sobre o tema do pacto com o diabo em literaturas de expressão portuguesa e alema. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
MOURA, M. S.. Fausto, Riachão e João Grilo: o mito fáustico e a literatura de cordel. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
MOURA, M. S.. Imagens do Brasil e da Alemanha no exterior. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
MOURA, M. S.. Deutsch in Rio 2012. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
MOURA, M. S.. Zur Lage der deutschen Sprache in Rio de Janeiro. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
MOURA, M. S.. O Auto da Compadecida - brasilianischer Filmabend. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
MOURA, M. S.; MONNERAT, Marcos . Mit Goethe Deutsch lernen. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

18.
MOURA, M. S.. E Fausto Viu Helena... E Goethe Viu Faustina... Grécia, Roma e Goethe. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
MOURA, M. S.. Entre o divino e o demoníaco. Considerações acerca d? A história trágica do Dr. Fausto de Marlowe e do Fausto de Goethe. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
MOURA, M. S.. Os Deuses gregos de Schiller. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
MOURA, M. S.. O caso de um brasileiro marginal: o simbolista negro João da Cruz e Sousa. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
MOURA, M. S.. O pensar visível. Goethe, Schiller e a planta primordial. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

23.
MOURA, M. S.; ARAUJO, A. L. C. ; Ferreira, Everson Cardoso . A presença da língua alemã no estado do rio de Janeiro. Um projeto da Uerj. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
MOURA, M. S.; Ferreira, Patricia Fernandes de Barros ; RANGEL, C. Q. . O Projeto de Línguas para a Comunidade na Uerj e seu papel na formação do professor de alemão. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
MOURA, M. S.. Wie aktuell sind die Klassiker heute? Eine Frage auch für DAF-Lehrer. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
MOURA, M. S.. O jovem Goethe e Shakespeare: duas faces de uma mesma moeda?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
MOURA, M. S.. Os diabos do bruxo. As fronteiras entre o sobrenatural e o humano em Machado e Goethe. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
MOURA, M. S.. Os impulsos de vida e morte no Fausto de Goethe e construção de uma dinâmica orgânica. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

29.
MOURA, M. S.. Sobre natureza e ciência no Fausto de Goethe. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

30.
MOURA, M. S.. Prometeu e Fausto: Potência e impotência diante dos mistériuos da natureza. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
MOURA, M. S.. Totalitarismo e erotismo no Gabinete de Caligari. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
MOURA, M. S.. Walther Ruttmann e a cidade velociférica. Considerações sobre "Berlim, sinfonia de uma cidade". 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

33.
MOURA, M. S.. A crítica ao totalitarismo n' O Anjo azul. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

34.
MOURA, M. S.. A poética do vivente. Uma resposta de Goethe à mecanização do mundo.. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
MOURA, M. S.. O encontro entre Goethe e Heine. Um exemplo de embate entre a harmonia e a ironia. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

36.
MOURA, M. S.. O encontro de Goethe e Schiller. 2005. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

37.
MOURA, M. S.. A liberdade entre a emoção e a razão. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
MOURA, M. S.. O jovem Goethe e os mitos literários. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
MOURA, M. S.. O feminino na obra de Goethe. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

40.
MOURA, M. S.. Entre o individual e o universal. Considerações acerca do período Sturm und Drang e o Romantismo de Jena.. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
MOURA, M. S.. Drogas, guerra, morte e profecias na lírica expressionista. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

42.
MOURA, M. S.. Era Goethe um romântico?. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

43.
MOURA, M. S.. Lernt man beim Lesen oder um zu lesen?. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

44.
MOURA, M. S.; MELKI, M. F. M. . Línguas para a comunidade: um projeto do Setor de alemão do Instituto de Letras da UERJ. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

45.
MOURA, M. S.. Com Goethe, Novalis e Rilke pela noite. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

46.
MOURA, M. S.. Literatura como meio ou como fim? O papel do texto literário na sala de aula de alemão como língua estrangeira.. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

47.
MOURA, M. S.. O amor na lírica de Goethe. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

48.
MOURA, M. S.; NEUMANN, G. . O Colégio Cruzeiro se apresenta. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . O processo tradutório e a cultura globalizada: novos desafios no processo de formação de professores de ALE. São Leopoldo: Casa Leiria, 2015 (Publicação de resumo).

2.
MOURA, M. S.. O lago do castelo e a muralha do castelo. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014. (Tradução/Outra).

3.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . Tannhäuser. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014. (Tradução/Outra).

4.
MOURA, M. S.. A montanha Höselberg. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014. (Tradução/Outra).

5.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . A Guerra no Wartburg. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014. (Tradução/Outra).

6.
MOURA, M. S.; CAMBEIRO, Delia . Anais do Simpósio '200 Anos dos Contos Maravilhosos dos Irmãos Grimm'. Rio de Janeiro: ApaRio, 2013 (Organização de livro).

7.
MOURA, M. S.; BETBHERDER, Margareth . Utopia de Fausto: Sempre Adiante. Rio de Janeiro: De Letras / ApaRio, 2012. (Tradução/Artigo).

8.
MOURA, M. S.; RODRIGUES, Jeanette D. . Fausto ou a rebelião no teatro do mundo. Rio de Janeiro: De Letras / ApaRio, 2012. (Tradução/Artigo).

9.
MOURA, M. S.. Goethe como crítico. São Paulo: USP /DLLC, 2012. (Tradução/Artigo).

10.
MOURA, M. S.; LUBRICH, Oliver . ?Como Antigas Estátuas de Bronze". sobre a dissolução do Classicismo no relato de viagem pela América de Alexander von Humboldt. Vitória da Conquista: Floema. Caderno de Teoria e História Literária Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, 2010. (Tradução/Artigo).

11.
MOURA, M. S.. Os autores de Weimar tinham um programa classicista?. Rio de Janeiro: Revista Forum Deutsch, 2006. (Tradução/Artigo).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
MOURA, M. S.. Parecerista ad hoc DAAD. 2016.

2.
MOURA, M. S.. Parecerista ad hoc da SR-2/Depesq. 2014.

Trabalhos técnicos
1.
MOURA, M. S.. Parecerista ad hoc Revista Pandemonium Germanicum. 2012.

2.
MOURA, M. S.. Parecerista ad hoc Revista Pandemonium Germanicum. 2011.

3.
MOURA, M. S.. Parecer periódico Pandaemonium Germanicum. 2010.

4.
MOURA, M. S.. Parecerista ad hoc Revista Pandemonium Germanicum. 2009.

5.
MOURA, M. S.. Parecerista Ad Hoc da Faperj. 2008.

6.
MOURA, M. S.. Parecerista ad hoc Revista Pandemonium Germanicum. 2008.

Redes sociais, websites e blogs
1.
MOURA, M. S.; DIAS, Ana Cristina ; MAAS, Wilma Patrícia D. . Portal do Grupo de Pesquisa CNPQ 'Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe. 2014; Tema: Divulgação de eventos e material bibliográfico, assim como informações do período denominado de Época de Goethe.. (Site).

2.
MOURA, M. S.; Leal, Tatiana . Portal do Grupo de Pesquisa CNPQ 'Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe. 2013; Tema: Divulgação de eventos e material bibliográfico, assim como informações do período denominado de Época de Goethe.. (Site).

3.
MOURA, M. S.; DIAS, Ana Cristina . Portal do Grupo de Pesquisa CNPQ 'Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe. 2012; Tema: Divulgação de eventos e material bibliográfico, assim como informações do período denominado de Época de Goethe.. (Site).

4.
MOURA, M. S.; DIAS, Ana Cristina . Portal do Grupo de Pesquisa CNPQ 'Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe. 2011; Tema: Divulgação de eventos e material bibliográfico, assim como informações do período denominado de Época de Goethe.. (Site).


Demais tipos de produção técnica
1.
MOURA, M. S.. O homem de engenho. O mito do pactário como representação da modernidade. 2015. (Relatório de pesquisa).

2.
MOURA, M. S.. O homem de engenho. O mito do pactário como representação da modernidade (Fase 1). 2014. (Relatório de pesquisa).

3.
MOURA, M. S.. Programa UNIBRAL - Relatório parcial. 2014. (Relatório de pesquisa).

4.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . O Diabo nas Lendas Alemãs dos Irmãos Grimm. 2014. (Revisão de tradução).

5.
CHEN, Eva ; STANKE, Roberta ; MOURA, M. S. . Quartettspiel 'Warst du schon mal in ...?'. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Material didático).

6.
KESTLER, Izabela Maria Furtado ; MOURA, M. S. . Fausto de Goethe e a contemporaneidade. Questões fáusticas no século XXI. 2012. (Editoração/Coletânea).

7.
CAMBEIRO, Delia ; MOURA, M. S. ; SILVA, Regina Celi A. da . Literatura, Ética e poder. Encontros com a literatura universal II. 2011. (Editoração/Coletânea).

8.
MOURA, M. S.. A influência do pensamento de Kant na instituição do cânone estético do Primeiro Classicismo (Frühklassik), conforme apresentado por Goethe entre os anos de 1790 e 1794. 2010. (Relatório de pesquisa).

9.
MOURA, M. S.. Site do Grupo de pesquisas Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe. 2010. (Manutenção e elaboração do site "Época de Goethe").

10.
MOURA, M. S.; DIAS, Ana Cristina . Portal Época de Goethe. 2009. (Desenvolvimento de site).

11.
HEISE, Eloá di Pierro ; MOURA, M. S. ; MAZZARI, Marcus . Associação Goethe do Brasil. 2009. (Desenvolvimento de site).

12.
MOURA, M. S.; Ferreira, Everson Cardoso ; ARAUJO, A. L. C. . Presença da língua alemã no estado do Rio de Janeiro. 2008. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

13.
MOURA, M. S.; ARAUJO, A. L. C. ; Ferreira, Everson Cardoso . Presença da língua alemã no municípoi do rio de Janeiro. 2008. (Cartas, mapas ou similares/Mapa).

14.
MOURA, M. S.. Vamos ler o Fausto de Goethe?. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

15.
MOURA, M. S.. Goethe e a constituição de uma estética orgânica. A formação da estética goethiana em relação com seus estudos natural-científicos(1769-1789). 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

16.
MOURA, M. S.. Leitura de Fausto de Goethe. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

17.
KESTLER, Izabela Maria Furtado ; MOURA, M. S. . Forum Deutsch. Revista brasileira de estudos germânicos. 2008. (Editoração/Periódico).

18.
MOURA, M. S.; CAMBEIRO, Delia . De rupturas e seus protagonistas. Encontros com a literatura mundial.. 2007. (Editoração/Coletânea).

19.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Maria Furtado . Heinrich Heine e seu tempo. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

20.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Maria Furtado . Forum Deutsch. Revista Brasileira de Estudos Germânicos. 2006. (Editoração/Periódico).

21.
MOURA, M. S.. Friedrich Schiller_ poeta dramaturgo, filósofo.. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
MOURA, M. S.. Círculo de Cultura da APA-Rio - Kulturkreis 2007. 2007 (Organização de série de debates sobre cultura alemã).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
MOURA, M. S.; WELS, Érica Schlude; MICHELLI, R.. Participação em banca de Fabiana Tavares do Nascimento Keller. Mito revisitado: análise e adaptações da história de Fausto para o público intantojuvenil. 2015. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
MOURA, M. S.; LIMA, F. L.; MAAS, Wilma Patrícia D.. Participação em banca de Juliana Oliveira do Couto. Heróis a contrapelo: lampejos do gênio na escrita dos jovens Goethe e Schiller. 2015. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
GELADO, Viviane; BORGES, Ana Isabel; MOURA, M. S.. Participação em banca de Ana Carolina Barros Meireles. Roberto Arlt, crítico de cinema. 2013. Dissertação (Mestrado em ESTUDOS DE LITERATURA) - Universidade Federal Fluminense.

4.
MOURA, M. S.; MAAS, Wilma Patrícia D.; LIMA, F. L.. Participação em banca de Mayra Lopes Tavares do Couto. Um estudo comparativo de escritas limítrofes em "A paixão segundo G.H." de Clarice Lispector e em "Malina" de Ingeborg Bachmann. 2013. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

5.
MOURA, M. S.; HEISE, Eloá di Pierro; PEREZ, Juliana. Participação em banca de Mônica Fontoura da Silva. As relações entre uma modalidade do gênero humorístico e a história política na Alemanh dos anos 30. 2012. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua e Literatura Alemã)) - Universidade de São Paulo.

6.
MAAS, Wilma Patrícia D.; MOURA, M. S.; VOLOBUEF, Karin. Participação em banca de Elis Piera Rosa. O símbolo e a alegoria nos textos teóricos de Goethe (de 1772 a 1798). 2012. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

7.
MOURA, M. S.; DORNBUSCH, C. S.; PINTO, S. R.. Participação em banca de Juliana Cristina Chagas Pereira. Na sala de espelhos - a questão da autoria e da identidade a partr da figura do duplo em Budapeste e Vom Dorf. 2011. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

8.
HEMAIS, Barbara J. W.; QUENTAL, V.S.T. D. B.; MOURA, M. S.. Participação em banca de Paulo de Carvalho Júnior. Podcasts no ensino de alemão como língua estrangeira: um estudo do impacto de uma nova tecnologia. 2011. Dissertação (Mestrado em Departamento de Letras) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

9.
HEISE, Eloá di Pierro; MOURA, M. S.; PEREZ, Juliana. Participação em banca de Antonio Herembergue Dias Junior. Ironia e paródia em ?Rabi de Bacherach?. 2009. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua e Literatura Alemã)) - Universidade de São Paulo.

10.
SAAVEDRA, Mônica Guimarães; MOURA, M. S.; OLIVEIRA, M. C. L. Participação em banca de Verônica Siqueira de Andrade. Competências sociolinguisticas no ensino de línguas estrangeiras: o caso do alemão no ensino médio. 2009. Dissertação (Mestrado em Letras) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

11.
MOURA, M. S.; HEISE, Eloá di Pierro; ARON, Irene. Participação em banca de Sílvia Aparecida Nauroski. Caminho poético e a experiência do Holocausto na obra de Rose Ausländer. 2008. Dissertação (Mestrado em Letras (Língua e Literatura Alemã)) - Universidade de São Paulo.

12.
Heye, Jürgen; MOURA, M. S.; MEYER, Marina de Brito; SAAVEDRA, Mônica Guimarães. Participação em banca de Tânia Cristina Soeiro Simões. O uso das preposições locais no processo de aquisição formal da língua alemã como segundo língua. 2006. Dissertação (Mestrado em Departamento de Letras) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
GROHÉ, Stefan; ARMBRUSTER, C.; MOURA, M. S.; NIEMAYER, K.; SIEPMANN, H.; PEREIRA, Victor Hugo Adler. Participação em banca de Lara Brück-Pamplona. Mündliche Literatur und nationale Identitätskonstruktionen bei José de Alencar und Mário de Andrade. 2015. Tese (Doutorado em Romanisches Seminar) - Universität zu Köln.

2.
MOURA, M. S.; Savedra, Monica Maria G.; FERREIRA, Mergenfel Andromergena Vaz; VILLELA, M. M.; VALERIO, K. M.. Participação em banca de Heloísa Madeira Liberto Loureiro. Desenvolvimento da competência intercultural no ensino integrado em contexto escolar bilíngue. 2014. Tese (Doutorado em ESTUDOS DE LINGUAGEM) - Universidade Federal Fluminense.

3.
MOURA, M. S.; MAAS, Wilma Patrícia D.; VOLOBUEF, Karin; OTTE, G.; ANTUNES, J. P.. Participação em banca de Mirella Guidotti. Zweckmässigkeit ohne Zweck: ideias kantianas presentes na estética de Goethe. 2014. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

4.
MAZZARI, Marcus; MOURA, M. S.; BONOMO, D. R.; MOURA, M. M.; MENESES, A. T. B.. Participação em banca de Débora Domke Ribeiro Lima. Os labirintos do amor: um estudo comparativo de Fausto I e Grande Sertão: Veredas. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado Literatura comparada) - Universidade de São Paulo.

5.
MOURA, M. S.; DREHER, Luís Henrique; GROSS, Eduardo; MARTINS, Antonio Henrique Campollina; CRUZ, Eduardo Rodrigues. Participação em banca de Humberto Schubert Coelho. Livre-arbítrio e sistema: conflitos e conciliações em Böhme e Goethe. 2012. Tese (Doutorado em Ciência da Religião) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

6.
MEYER, Rosa Marina de Brito; Savedra, Monica Maria G.; ALENCAR, Ricardo Borges; ALBUQUERQUE, Adriana Ferreira de S. de; MOURA, M. S.; SANTOS, Danusia Torres. Participação em banca de Mergenfel A. Vaz Ferreira. Percepção, interculturalidade e ensino de língua/ cultura estrangeira: diferentes olhares sobre anúncios publicitários brasileiros e alemães. 2010. Tese (Doutorado em Departamento de Letras) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
GONCALVES, M. T.; MOURA, M. S.. Participação em banca de Dayhane Alves Escobar Ribeiro Paes. Estruturas discursivas: a referenciação nos Contos de Fdas - A performance do referente nas traduções dos Contos dos Irmao Grimm. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
MAAS, Wilma Patrícia D.; VOLOBUEF, Karin; MOURA, M. S.. Participação em banca de Mirella Guidotti. "Zweckmässigkeit ohne Zweck": ideias kantianas na estética de Goethe. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Letras) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

3.
Savedra, Monica Maria G.; MOURA, M. S.; FERREIRA, Mergenfel Andromergena Vaz. Participação em banca de Heloísa Madeira Liberto Loureiro. Competência intercultural no contexto de ensino bilíngue: a dimensão sociolinguística de aprendizagem integrada. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em ESTUDOS DE LINGUAGEM) - Universidade Federal Fluminense.

4.
MOURA, M. S.; MAZZARI, Marcus. Participação em banca de Débora Domke Ribeiro Lima. Um estudo do tema do amor nas obras de J. W. Goethe e J. G. Rosa. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado Literatura comparada) - Universidade de São Paulo.

5.
MEYER, R. M. B.; SAAVEDRA, Mônica Guimarães; ALENCAR, Ricardo Borges; MOURA, M. S.. Participação em banca de Mergenfel Andromergena Vaz Ferreira. Percepção, interculturalidade e ensino de língua/cultura estrangeira: diferentes olhares sobre anúncios publicitários brasileiros e alemães. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Pós-graduação em Letras) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
ARANTES, Poliana C. C.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna; MOURA, M. S.. Participação em banca de Bárbara Simões de Medeiros. A análise de exercícios do livro didático. Contemplando os estilos de aprendizagem. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização de ensino de alemão como LE) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
SCHAFFER, G. M.; ARANTES, Poliana C. C.; MOURA, M. S.. Participação em banca de Adriana Borgeth Vial Corrêa Lima. O fomento da expressão oral do aluno iniciante em saa de aula de ALE. 2014. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização de ensino de alemão como LE) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
BOLACIO, Ebal Sant'Anna; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes; MOURA, M. S.. Concurso para Professor Substituto de Língua Alemã. 2013. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
BOLACIO, Ebal Sant'Anna; STANKE, Roberta; MOURA, M. S.. Concurso para Professor Substituto de Literatura Alemã. 2013. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna; AMARAL, A.. Concurso para Professor Substituto de Literatura Alemã. 2013. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
MOURA, M. S.; SAAVEDRA, Mônica Guimarães; VOLOBUEF, Karin. Concurso provimento de cargo de Prof. Adjunto de lingua alemã. 2013. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

5.
MOURA, M. S.; FERREIRA, Mergenfel Andromergena Vaz; WELS, Érica Schlude. Banca de seleção para provimetno de cargo de Professor Adjunto em língua alemã da UERJ. 2011. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

6.
MOURA, M. S.; KELLER, Phillip Wilhelm. Concurso de Tradutor alemão - Eletronuclear. 2009. Fundação Escola do Serviço Público RJ.

7.
MOURA, M. S.; SAAVEDRA, Mônica Guimarães; KESTLER, Izabela Maria Furtado. Concurso para professor Assistente de Língua Alemã. 2008. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

8.
DORNBUSCH, Claudia S.; CORNELSEN, Elcio L.; GALLE, Helmut; MOURA, M. S.; VOLOBUEF, Karin. Concurso público para professor doutor do Departamento de Letras Modernas, área de Língua e Literatura Alemã, disciplina Lliteratura Alemã- USP. 2008. Universidade de São Paulo.

9.
MOURA, M. S.; STANKE, Roberta. Concurso para Professor de Língua Alemã no estado do Rio de Janeiro. 2008. Fundação Escola do Serviço Público RJ.

Outras participações
1.
MOURA, M. S.; Krause, Gustavo Bernardo; PEREIRA, Victor Hugo Adler. Banca de seleção para o Mestrado de Teoria da Literatura e Literatura Comparada. 2011. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
MOURA, M. S.. Participação em banca de seleção Mestrado/Doutorado em Direito - prova de Língua estrangeira (alemão). 2011. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
MOURA, M. S.; STANKE, Roberta. participação da banca seleção de alunos pra entrada no curso stricto senso em Letras - prova de língua estrangeira. 2009. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
MOURA, M. S.. Participação na banca de seleção do Curso de Mestrado em Direito - Prova de alemão instrumental. 2009. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
9. Congresso Brasileiro de Professores de Alemão. O processo tradutório e a cultura globalizada: novos desafios no processo de formação de professores de ALE. 2015. (Congresso).

2.
9° Congresso Brasileiro de Professores de Alemão. Vice-versa: relações interculturais na prática. 2015. (Congresso).

3.
Europa e América Latina: Novos e antigos diálogos.Faust: vom deutschen Volksbuch zum brasilianischen Cordel. 2015. (Simpósio).

4.
VI encontro Nacional O insólito como questão ficcional. Vertentes do fantático na narrativa ficional. O mito fáustico: das letras às telas. Relação entre literatura e cinema. 2015. (Congresso).

5.
VII Congresso de Letras Clássicas e Orientais III Congresso Internacional de Letras Clássicas e Orientais. Sábio, amante ou global player: os dilemas de Fausto, o moderno Prometeu. 2015. (Congresso).

6.
XIV CONGRESSO INTERNACIONAL DA ABRALIC FLUXOS E CORRENTES: TRÂNSITOS E TRADUÇÕES LITERÁRIAS. A fantástica "História do Dr. J. Fausto" ou de como se domesticar o corpo e a mente. 2015. (Congresso).

7.
XV Congresso da Associação Latino-americana de Estudos Germanísticos. O Fausto de Goethe e o Fasuto de Spies. Diálogos modernos e contemporâneos. 2014. (Congresso).

8.
10. Deutscher Lusitanistenta. Migration und Exil. Um mito em trânsito: traços da trama fáustica na literatura popular brasileira. 2013. (Congresso).

9.
Germanistik in Brasilien: Herausforderungen, Vermittlungswege, Übersetzungen. Ausbildung von DaF-Lehrkräften: universelle und kulturspezifi-sche Faktoren und Inhalte. 2013. (Congresso).

10.
I MOSTRA CULTURAL BRASIL-ALEMANHA.?De Fausto a João Grilo: vestígios de um mito moderno". 2013. (Simpósio).

11.
VI Congresso de Letras Clássicas e Orientais - II congresso Internacional de Letras Clássicas e e Oreintais do Instituto de Letras da Uerj. Goethe entre o Oreinte e o Ocidente: a construção de um modelo de modernidade intercultural. 2013. (Congresso).

12.
XIII Congresso Internacional da Associação Brasileira de Literatura Comparada. O maravilhoso e o fantástico em histórias populares. Variações sobre o tema do pacto com o diabo em literaturas de expressão portuguesa e alemã. 2013. (Congresso).

13.
XIX Semana de Tecnologia & XVII Encontro Escola Comunidade.Fausto, Riachão e João Grilo.O mito fáustico e a literatura de cordel. 2013. (Simpósio).

14.
II. Kolloquium UERJ-Friedrich Shiller Universität/Jena.Em busca de ares diferentes. Interculturalidade na aula de alemão como língua estrangeira. 2012. (Encontro).

15.
Magias, encantamentos e metamorfoses. Fabulações modernas e suas expressões no imaginário contemporâneo..O mundo encantado de Goethe. 2012. (Simpósio).

16.
9. Deutschen Lusitanistentag. Os pactários logrados: a mulher, o diabo e o perdão. Variações sobre o tema do pacto em literaturas de expressão portuguesa e alemã. 2011. (Congresso).

17.
I Colóquio UERJ - FSU Jena. Os percalços de traduzir Goethe. 2011. (Congresso).

18.
I Colóquio UERJ - FSU Jena. Tradução de textos clássicos como projeto de aprendizado. As edições críticas de dois dramas do jovem Goeth. 2011. (Congresso).

19.
I Colóquio UERJ - FSU Jena. Der Faustmythos als Beispeil interkulturellen Ansatzes. 2011. (Congresso).

20.
III Colóquio Margens."Que idiea tens da religião?" - Sobre o discurso religioso no Fausto I de Goethe. 2011. (Simpósio).

21.
III Encontro nacional O Insólito como Questão na Narrativa Ficcional - IX Painel Refl exões Sobre o Insólito na Narrativa Ficcional. Entre o divino e o demoníaco. Considerações acerca d? A história trágica do Dr. Fausto de Marlowe e do Fausto de Goethe. 2011. (Congresso).

22.
I Seminário Literatura, Ética e Poder.Fausto e Galileu: a modernidade da ética renascentista. 2011. (Seminário).

23.
V Congresso de Letras Clássicas e Orientais I Congresso Nacional de Letras Clássicas e Orientais Imagens e Miragens A Instância do Olhar na Antiguidade Clássica e Oriental. E Fausto Viu Helena... E Goethe Viu Faustina... Grécia, Roma e Goethe. 2011. (Congresso).

24.
VIII Congresso Brasileiro de Professores de Alemão. Deutsch lernen ... mit Goethe auch. 2011. (Congresso).

25.
VIII Congresso Brasileiro de Professores de Alemão. A tarefa do tradutor. Sobre os caminhos e percalços de traduzir Goethe.. 2011. (Congresso).

26.
VI Jornada de literatura alemã. Da magia a Kant - considerações sobre a relação de Goethe com a filosofia. 2011. (Congresso).

27.
8. Deutchlehrerkongress. Mit Goethe Deutsch lernen. 2010. (Congresso).

28.
I Colóquio Interdisciplinar do LIEDH." Viagens e Deslocamentos".Entre o outor e si mesmo: o significado do olhar na viagem de Goethe à Itália. 2010. (Outra).

29.
II Encontro de germanistas do Estado do Rio de Janeiro".A època de Goethe na UERJ. 2010. (Simpósio).

30.
II Encontro nacional O insólito como questão na narrativa ficcional - Insólito, Mitos, Lendas, Crenças.Imbricações entre o mundo natural e o mundo sobrenatural no Fausto de Goethe. 2010. (Simpósio).

31.
II Semana de Letras: Letras nas Humanidades - UFFRJ.O Fausto de Goethe em tempos de buscas e incertezas. 2010. (Seminário).

32.
Immersionswochenende2010.Goethe für Anfänger. 2010. (Encontro).

33.
XXV Encontro Nacional da ANPOLL. Goethe e a religação com o mundo. 2010. (Congresso).

34.
20a. UERJ Sem Muros.Produção do Portal da´Epoca de Goethe. 2009. (Outra).

35.
Congresso Internacional Afinidades Eletivas. I Encontro do Grupo de Pesquisa 'Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe' - Associação Goethe do Brasil.O pensar visível. Goethe, Schiller e a planta primordial.. 2009. (Encontro).

36.
IV Colóquio Rousseau - 'Rousseau; filosofia, literatura e educação'. Contrastes naturais. Considerações acerca da relação entre o solitário Rousseau e o mundano Goethe. 2009. (Congresso).

37.
IV Congresso do Departamento de Letras Clássicas e Orientais do Instituto de Letras. Os deuses gregos de Schiller. 2009. (Congresso).

38.
Uerj Sem Muros.Portal Época de Goethe. 2009. (Oficina).

39.
I Seminário Machado de Assis.Os diabos do bruxo. As fronteiras entre o sobrenatural e o humano em Machado e Goethe. 2008. (Seminário).

40.
IV Seminário da linha de pesquisa Poéticas da modernidade em perspectiva comparada.Participação como debatedora na mesa redonda "Presença de Brecht no teatro e cinema brasileiros" proferida por Katrin Sartingen, Universidade de Viena. 2008. (Seminário).

41.
Simpósio Internacional Fausto de Goethe no século XXI. Questões fáusticas na contemporaneidade.Sobre natureza e ciência no Fausto de Goethe. 2008. (Simpósio).

42.
VI Forum da APA-Rio (Associação de Professores de Alemão).Panorama da Língua alemã no estado do rio de Janeiro. 2008. (Encontro).

43.
XI Congresso Internacional da Abralic. Os impulsos de vida e morte no Fausto de Goethe e construção de uma dinâmica orgânica. 2008. (Congresso).

44.
I Encontro de Germanistas do estado do Rio de Janeiro.Walther Ruttmann e a cidade velociférica. Considerações sobre o filme Berlin, sinfonia de uma cidade.. 2007. (Encontro).

45.
XI Encontro Regional da ABRALIC.A ESTÉTICA DE GOETHE E O CONCEITO DE ORGANISMO. 2007. (Encontro).

46.
XVIII Congress of the international Comparativee Literature Association (ICLA). A poética orgânica de Goethe. Quando arte e ciência se encontram. 2007. (Congresso).

47.
II Simpósio de Estudos Helênicos.Eros e Tânatos no Fausto de Goethe. 2006. (Simpósio).

48.
X Congresso Internacional da Abralic. Uma possível contribuição de Goethe para o conceito de desenvolvimento histórico. 2006. (Congresso).

49.
XVI Semana Interdisciplinar de Estudos Anglo-germânicos.Un encontro entre Goethe e Heine. Um exemplo do embate entre a harmonia e a ironia. 2006. (Outra).

50.
ENCONTRO REGIONAL ABRALIC.Aspectos do diálogo entre ciência e arte em Goethe. 2005. (Encontro).

51.
XIII Semana Interdisciplinar de Estudos Anglo-germânicos. O Encontro de Goethe e Schiller. 2005. (Congresso).

52.
I Simpósio de Estudos Helênicos.Goethe e os mitos gregos. 2004. (Simpósio).

53.
XII Semana Interdisciplinar de Estudos Anglo-germânicos.A liberdade entre a emoção e a razão. 2004. (Outra).

54.
X Semana Interdisciplinar de Estudos Germânicos. A figura feminina na lírica de Goethe. 2002. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MOURA, M. S.. O fantástico mundo das lendas alemãs e brasileiras. 2015. (Outro).

2.
MOURA, M. S.; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes ; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . IV Colóquio UERJ-FSU-Jena - Rompendo limites. Ensino e aprendizagem de língua e literatura alemã / Grenzen durchqueren. Deutsche Sprache und deutschsprachige Literatur lehren und lernen. 2014. (Outro).

3.
MOURA, M. S.. I Mostra de Extensão do instituto de Letras da Uerj. 2014. (Outro).

4.
MOURA, M. S.; MAZZARI, Marcus ; MAAS, Wilma Patrícia D. . Atualidade de Goethe. 2014. (Outro).

5.
MOURA, M. S.. Relações interculturais. 2013. (Outro).

6.
MOURA, M. S.; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes ; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . III Colóquio UERJ-FSU Jena. 2013. (Congresso).

7.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; MAAS, Wilma Patrícia D. ; STANKE, Roberta ; CAMBEIRO, Delia . Magias, encantamentos e metamorfoses. Fabulações modernas e suas expressões no imaginário contemporâneo.. 2012. (Congresso).

8.
MOURA, M. S.. Relações culturais entre a Alemanha e o Brasil. 2012. (Outro).

9.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; STANKE, Roberta . II. Kolloquium UERJ - Universität Friedrich Schiller / Jena. 2012. (Congresso).

10.
MOURA, M. S.; CAMBEIRO, Delia ; SILVA, Regina Celi A. da . I Seminário Literatura, ética e poder. 2011. (Outro).

11.
WELGE, J. ; MOURA, M. S. . Palestra "O grito do Expressionismo alemão em Amar, verbo intransitivo" proferida pelo Prof. Dr. Jobst Welge. 2011. (Outro).

12.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes . I Colóquio UERJ - FSU/Jena - Kulturdidaktik im DaF-Unterricht. 2011. (Congresso).

13.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes . II Encontro de Germanistas do Rio de Janeiro - Forum Apa-Rio. 2011. (Outro).

14.
MOURA, M. S.. Simpósio;. 2010. (Outro).

15.
MOURA, M. S.; MONNERAT, Marcos ; STANKE, Roberta . II Encontro de Germanistas do Estado do Rio de Janeiro. "Germanísitca no Estado do Rio de Janeiro: presente e futuro". 2010. (Congresso).

16.
MOURA, M. S.. Encontros Medievais. 2010. (Outro).

17.
MOURA, M. S.; MONNERAT, Marcos ; STANKE, Roberta . Immersionswochenende 2010. 2010. (Outro).

18.
MOURA, M. S.. Palestra de Rolf_Peter Janz "W.G. Sebalds Roman 'Austerlitz' de W. G. Sebald. Zur Erzählbarkeit on Geschichte".. 2010. (Outro).

19.
MAAS, Wilma Patrícia D. ; MAZZARI, Marcus ; MOURA, M. S. . Congresso Internacional Afinidades Eletivas- I Congresso internacional da Associação Goethe do Brasil - I Encontro do Grupo de pesquisa 'Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe. 2009. (Congresso).

20.
ESPÍNDOLA, Arley ; DALBOSCO, Cláudio Almir ; MOURA, M. S. ; DIONIZIO NETO, MAnuel ; MOSCATELI, Renato ; PASCOLATI, Sonia Aparecida Vido . IV Colóquio Rousseau - 'Rousseau: filosofia, literatura e educação'. 2009. (Outro).

21.
GIL, Fernando ; KESTLER, Izabela Maria Furtado ; MOURA, M. S. . 7.. Congresso Brasileiro de Professores e Alemão. 2008. (Congresso).

22.
HEISE, Eloá di Pierro ; VOLOBUEF, Karin ; MOURA, M. S. . XI Congresso Internacional da ABRALIC- Organização do simpósio: "Literaturas de expressão alemã entre fronteiras". 2008. (Congresso).

23.
MOURA, M. S.. Coordenação Sessão - Simpósio Literaturas de Expressão Alemã entre Fronteiras. 2008. (Congresso).

24.
KESTLER, Izabela Maria Furtado ; MOURA, M. S. . Coordenação Sessão "Literatur im DAF-Unterricht" no 7. Congresso Brasileiro de Professores de Alemão. 2008. (Congresso).

25.
KESTLER, Izabela Furtado ; MOURA, M. S. . Simpósio Internacional Questões Fáusticas na contemporaneidade. 2008. (Outro).

26.
SILVA, Amós C. ; CAMBEIRO, Delia ; MOURA, M. S. . I Seminário Machado de Assis - Simpósio Machado de Assis e a literatura mundial: perspectivas e confrontações. 2008. (Outro).

27.
MOURA, M. S.; CAMBEIRO, Delia . Nélida Pinon. Conversa com a escritora. 2008. (Outro).

28.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Furtado ; GIL, Fernando ; MONNERAT, Marcos . I Encontro de Germanistas do Estado do Rio de Janeiro. 2007. (Outro).

29.
MOURA, M. S.. Coordenação da Sessão "Trânsito entre saberes: Goethe em diálogo com a ciência" no XI Encontro regional da Abralic. 2007. (Congresso).

30.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Maria Furtado ; HEISE, Eloá di Pierro . Coordenação do Simpósio LITERATURA EM TRÂNSITO: MANIFESTAÇÕES NO ÂMBITO DA LITERATURA DE EXPRESSÃO ALEMÃ no XI Encontro Regional da ABRALIC. 2007. (Outro).

31.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Maria Furtado . Simpósio: Da harmonia à ironia. Do encanto ao desencanto com o mundo. 2006. (Outro).

32.
MOURA, M. S.; GIL, Fernando ; MONNERAT, Marcos ; KESTLER, Izabela Maria Furtado ; RIBEIRO, Helga Küster . IV Forum da APA-Rio. Encontro anual de professores de alemão. 2006. (Outro).

33.
MOURA, M. S.. Coordenação Simpósio "Da harmonia à ironia. Do encanto ao desencanto com o mundo". 2006. (Outro).

34.
MOURA, M. S.. Simpósio Friedrich Schiller e a fundação do cânone da modernidade. 2005. (Outro).

35.
MOURA, M. S.. Coordenação do simpósio Performances estético-literárias em língua alemã. 2004. (Outro).

36.
MOURA, M. S.; KESTLER, Izabela Maria Furtado . Coordenação simpósio Performances estético-literárias em língua alemã. 2004. (Outro).

37.
MOURA, M. S.; BARROS, Montez Luiz de ; KESTLER, Izabela Furtado ; KELLER, Phillip Wilhelm . Simpósio: O ser romântico. Reflexões sobre o Romantismo no Brasil e na Alemanha. 2001. (Outro).

38.
MOURA, M. S.; LIMA, Luiz Costa ; KELLER, Phillip Wilhelm ; KRETSCHMER, Johannes . Goethe 250 anos. 1999. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Tese de doutorado
1.
Juliana Oliveira do Couto. O papel da mulher e a interdição da sexualidade feminina no nascimento da burguesia brasileira e alemã. Início: 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Juliana Oliveira do Couto. Heróis a contrapelo: lampejos do gênio na escrita dos jovens Goethe e Schiller. 2014. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, . Orientador: Magali dos Santos Moura.

2.
Fabiana Tavares do Nascimento Keller. Mito revisitado: análise e adaptações da história de Fausto para o público intantojuvenil. 2014. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, . Orientador: Magali dos Santos Moura.

3.
Mayra Lopes Tavares do Couto. Um estudo comparativo de escritas limítrofes em "A paixão segundo G.H." de Clarice Lispector e em "Malina" de Ingeborg Bachmann. 2013. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, . Orientador: Magali dos Santos Moura.

4.
Anne Caroline de Morais Santos. O périplo da formação de Berardo Viola e de Franz Biberkopf. Um estudo do Bildungsroman em Fontamara, de Ignazio Silone, e em Berlim Alexanderplatz, de Alfred Döblin. 2012. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Magali dos Santos Moura.

5.
Juliana Cristina Chagas Pereira. Na sala de espelhos - a questão da autoria e da identidade a partir da figura o duplo em Budapeste e Vom Dorf. 2011. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Letras UERJ) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, . Orientador: Magali dos Santos Moura.

Tese de doutorado
1.
Juliana Fillies Testa. Naҫão e raҫa no romance abolicionista em Cuba e no Brasil.. 2016. Tese (Doutorado em a.r.t.e.s. Forschungsschule) - Universität zu Köln, . Orientador: Magali dos Santos Moura.

2.
Lara Brück-Pamplona. Die mündliche Literatur und nationale Identitätskonstruktionen bei José de Alencar e Mário de Andrade. 2015. Tese (Doutorado em a.r.t.e.s. Forschungsschule) - Universität zu Köln - a.r.t.e.s. Forschungsschule, . Orientador: Magali dos Santos Moura.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Marta Goldstein. Leitura de obras literárias em alemão no curso universitário de Letras (Português-alemão). 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização de ensino de alemão como língua est) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

2.
Margareth Betbeder Gomes. Aprendendo alemão com textos literários. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização de ensino de alemão como LE) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

3.
Andreia Louise da Costa Araújo Câmara. O uso de Sagen no ensino de Landeskunde nas aulas de alemão como língua estrangeira. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização de ensino de alemão como LE) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

Iniciação científica
1.
Rodrigo Marins de Souza e Silva. Relações intersemióticas: o mito fáustico no cinema e na literatura. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Magali dos Santos Moura.

2.
Mayra Lopes Tavares do Couto. O homem de engenho. O mito do pactário na Alemanha e na literatura de cordel brasielira. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Inglês) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

3.
Mayra Lopes Tavares do Couto. O homem de engenho. O mito do pactário na Alemanha e na literatura de cordel brasielira. 2014. Iniciação Científica - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

4.
Iasmin Luz. A escrita genial do jovem Goethe. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Magali dos Santos Moura.

5.
Rachel Matta. A escrita genial do jovem Goethe. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

6.
Tatiana Leal. O HOMEM DE ENGENHO: O MITO DO PACTÁRIO COMO REPRESENTAÇÃO DA MODERNIDADE. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Magali dos Santos Moura.

7.
Mayra Lopes Tavares do Couto. O HOMEM DE ENGENHO: O MITO DO PACTÁRIO COMO REPRESENTAÇÃO DA MODERNIDADE. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Inglês) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

8.
Carla Jeucken. A escrita genial do jovem Goethe. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

9.
Juliana Oliveira do Couto. O resgate da juventude literária de Goethe através da tradução do drama Clavigo para o Português Brasileiro. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Magali dos Santos Moura.

10.
Celita Ritter. A escrita genial do jovem Goethe. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

11.
Fabiana Tavares do Nascimento Keller. A escrita genial. A presença do gênio no discurso literário da modernidade. Tradução com comentários e notas da peça Clavigo de Goethe.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Magali dos Santos Moura.

12.
Karim Cristina Palheiro da Silva Siqueira. A escrita genial. A presença do gênio no discurso literário da modernidade. Tradução com comentários e notas da peça Estela de Goethe.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

13.
Felipe Serpa de la Rocha. A escrita genial. A presença do gênio no discurso literário da modernidade. Tradução com comentários e notas da peça Estela de Goethe.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

14.
Juliana Oliveira do Couto. A construção da ideia de sujeito e o conceito de gênio na Época de Goethe. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Magali dos Santos Moura.

15.
Fabiana Tavares do Nascimento Keller. A escrita genial. A presença do gênio no discurso literário da modernidade. Tradução com comentários e notas da peça Götz von Berlichingen de Johann W. Goethe. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Magali dos Santos Moura.

16.
Juliana Couto. A escrita genial. A presença do gênio no discurso literário da modernidade. Tradução com comentários e notas da peça Clavigo de Goethe.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

17.
Everson Cardoso Ferreira. Panorama da lingua alemã no estado do Rio de Janeiro. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Magali dos Santos Moura.

18.
ANDREIA LOUISE DA COSTA ARAUJO CAMARA. Panorama da Língua alemã no estado do Rio de Janeiro. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

Orientações de outra natureza
1.
Amanda Prudente de Moraes Goldbach. Prática tradutória e relações interculturais. 2016. Orientação de outra natureza. (Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

2.
Ana Cristina Dias. Cosntrução do site do GP Literatura, arte e filosofia na Época de Goethe. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

3.
Carolina Souto Maior Henrique. Vice-Versa. Relações interculturais na prática. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

4.
Raphael dos Santos Miguelez Perez. Vice-Versa. Relações interculturais na prática. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

5.
Jeniffer Suelen Alexandre Martins. Vice-Versa. Relações interculturais na prática. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

6.
Luísa Santos Ribeiro. Vice-Versa. Relações interculturais na prática. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

7.
Ana Cristina Dias. Construção do site 'Portal da época de Goethe'. 2014. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

8.
Rodrigo Marins de Sousa e Silva. Vice-Versa. Relações interculturais na prática. 2014. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

9.
Raphael dos Santos Miguelez Perez. Vice-Versa. Relações interculturais na prática. 2014. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

10.
Carolina Souto Maior Henrique. Vice-versa. Relações interculturais na prática.. 2014. Orientação de outra natureza. (Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

11.
Tatiana Leal. Construção site Época de Goethe. 2013. Orientação de outra natureza - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

12.
Ana Cristina Dias. Elaboração do site 'Época de Goethe'. 2013. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

13.
Ingrid Beatriz Goems de Araújo. Monitoria de língua alemã. 2012. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

14.
Tatiana Leal. Construção site Época de Goethe. 2012. Orientação de outra natureza. (Letras - Português e Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

15.
Denise Edna Dutra de Souza Pinto. Monitoria de língua alemã. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

16.
Gustavo Alves Bezerra. Monitoria de língua alemã. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

17.
Camila Gonçalves Valmor. Produção do pórtal da Época de Goethe. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

18.
Felipe Serpa de la Rocha. Produção do portal da Época de Goethe. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

19.
Juliana Oliveira do Couto. Produção do portal da Época de Goethe. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

20.
Cleyton Dantas. Produção do portal da Época de Goethe. 2010. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro / SR3, UERJ/SR3. Orientador: Magali dos Santos Moura.

21.
Mariana Blume de Almeida sinfronio. Licom/Leti Línguas estrangeiras (Alemão) para terceira idade. 2010. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

22.
Denise Edna dutra de Souza Pinto. Monitoria de língua alemã. 2010. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

23.
Ana Cristina Dias. Portal Época de Goethe. 2009. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

24.
Patrícia Fernandes de Barros Ferreira. Licom - Alemão. 2008. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Associação Cultural e de Pesquisa Noel Rosa. Orientador: Magali dos Santos Moura.

25.
Cíntia Quintanilha Rangel. Iniciação à docência - Licom/Plic. 2008. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

26.
Ana carolina da rocha Carvalho. Inciciação a docência Licom/Plic- Linguas para a comunidade - curso de alemão. 2008. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

27.
Cíntia Quintanilha Rangel. Inciciação a docência Licom/Plic- Linguas para a comunidade - curso de alemão. 2008. Orientação de outra natureza. (Letras - Alemão) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

28.
Cíntia Quintanilha Rangel. Iniciação à docência. 2007. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

29.
Antonio José dos Santos Junior. Ensino de língua Alemã. 2007. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

30.
Carla de Lima Rodrigues. "Amor une tudo". A leitura da lírica de Goethe sob a ótica do amor. 2007. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Magali dos Santos Moura.

31.
Ana Carolina da Rocha Carvalho. Iniciação à docência. 2006. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro - CETREINA. Orientador: Magali dos Santos Moura.

32.
Mário Humberto de Magalhâes Talask. Iniciação à docência. 2006. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Associação Cultural e de Pesquisa Noel Rosa. Orientador: Magali dos Santos Moura.

33.
Reginaldo Gutemberg. Língua Alemã. 2006. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Magali dos Santos Moura.

34.
Hèlvio Monteiro. Ensino de Língua Alemã. 2006. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Associação Cultural e de Pesquisa Noel Rosa. Orientador: Magali dos Santos Moura.

35.
Viviane Braun. Iniciação à docência. 2005. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Associação Cultural e de Pesquisa Noel Rosa. Orientador: Magali dos Santos Moura.



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
MOURA, M. S.; SALIES, T. G. (Org.) ; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes (Org.) ; BOLACIO, Ebal Sant'Anna (Org.) . Ensino-aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis Vol I. 1. ed. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014. v. 1. 206p .

2.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; Grimm, Jacob ; Grimm, Wilhelm . Lendas alemãs. As lendas do Diabo.. 1. ed. Rio de Janeiro: Dialogartes, 2017. v. 1. 235p .

3.
MOURA, M. S.; ARAÚJO, Nabil (Org.) . Imagens de Fausto: história, mito e literatura.. 1. ed. Rio de Janeiro: Makunaima, 2017. v. 1. 291p .

4.
MOURA, M. S.; BOLACIO, Ebal Sant'Anna (Org.) ; STANKE, Roberta (Org.) ; SALIES, T. G. (Org.) . Ensino e aprendizagem de alemão como língua estrangeira: teoria e práxis.. 1. ed. Rio de Janeiro: DIALOGARTES, 2017. 271p .

1.
BOLACIO, Ebal Sant'Anna ; MOURA, M. S. . Übersetzung zwischen Sprachen und Kulturen. In: Deutsche Akademische Austauschdienst. (Org.). Germanistik in Brasilein: Herausforderungen, Vermittlungswege, Übersetzungen. 1ed.Göttingen: Wallstein, 2014, v. , p. 56-58.

2.
MOURA, M. S.. Ausbildung von DaF-Lehrkräften. Universelle und kulturspezifische Faktoren und Inhalte. In: Deutscher Akademischer Austauschdienst. (Org.). Germanistik in Brasilein: Herausforderungen, Vermittlungswege, Übersetzungen. 1ed.Göttingen: wallstein, 2014, v. , p. 136-144.


Apresentações de Trabalho
1.
MOURA, M. S.. De história em história nasce um mito: o trajeto do pactário Fausto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
MOURA, M. S.. De história em história nasce um mito: o trajeto do pactário Fausto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MOURA, M. S.. Aventuras extraordinárias no imaginário popular: as lendas alemãs do Diabo e o Doutor Fausto. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MOURA, M. S.. As histórias do Dr. Fausto: um capítulo da literatura alemã. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Desenvolvimento de material didático ou instrucional
1.
CHEN, Eva ; STANKE, Roberta ; MOURA, M. S. . Quartettspiel 'Warst du schon mal in ...?'. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Material didático).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MOURA, M. S.. Relações interculturais. 2013. (Outro).

2.
MOURA, M. S.; STANKE, Roberta Cristina Sol Fernandes ; BOLACIO, Ebal Sant'Anna . IV Colóquio UERJ-FSU-Jena - Rompendo limites. Ensino e aprendizagem de língua e literatura alemã / Grenzen durchqueren. Deutsche Sprache und deutschsprachige Literatur lehren und lernen. 2014. (Outro).

3.
MOURA, M. S.. I Mostra de Extensão do instituto de Letras da Uerj. 2014. (Outro).



Outras informações relevantes


Em 2007 recebimento de bolsa do Instituto Goethe para curso de aperfeiçoamento na Alemanha.
Em 2011 foi nomeada Coordenadora do convênio firmado entre a UERJ e a Friedrich Schiller Universität- Jena (Alemanha) e realizou estágio de pesquisa nesta universidade com bolsa de pesquisa/fomento do DAAD.
Em 2011 recebimento de bolsa de pesquisa na Alemanha GIP-DAAD.
Em 2012 recebimento de bolsa de pesquisa pelo Convênio FSU-UERJ / DAAD.
Em 2012 estabelecimento de acordo de co-tutela de Doutorado com a Universität zu Köln (aluna Lara Brück-Pamplona; Orientador na UzK: Claudius Armbruster)
Em 2012 contemplada com bolsa de pesquisa da UERJ (Programa Prociência)
Em 2012/2013 recebimento de auxílio de pesquisa individual pela FAPERJ (APQ 1)
Em 2013 recebimento de bolsa de pesquisa pelo Convênio FSU-UERJ / DAAD para estada na Alemanha.
Em 2013 estabelecimento de Convênio entre a UERJ/Instituto de Letras e Universität zu Köln/Portugiesisch-Brasilianisches Institut.
Em 2013 contemplada com a bolsa de pesquisa da Faperj - Jovem Cientista de Nosso Estado (JCNE)
Em 2013 contemplada enquanto coordenadora com bolsa institucional de convênio - Programa UNIBRAL (Capes/DAAD)
Em 2013 instituição de co-tutela de doutorado com a Universität zu Köln (orientador alemão Claudius Armbruster)
Em 2013 participação como Subcoordenadora no Programa Capes Auxiliar de ensino de língua alemã (GTA) (Coordenadora Roberta Stanke)
Em 2014 auxílio recebido AUXPE Capes - Programa Unibral I
Em 2015 renovação participação como Subcoordenadora no Programa Capes Auxiliar de ensino de língua alemã (GTA) (Coordenadora Roberta Stanke)
Em 2015 auxilio recebido AUXPE Capes -Programa Unibral I
Em 2016 auxílio recebido AUXPE CAPES - Programa Unibral I



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 14/11/2018 às 3:27:20