Juliana de Fátima Sales

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 2

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1250229850106551
  • Última atualização do currículo em 25/10/2018


Possui graduação em Biologia pela Universidade do Estado de Minas Gerais (1999). Mestrado em Agronomia (Fisiologia Vegetal) pela Universidade Federal de Lavras (2002). Doutorado em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (2006) e pós-doutorado em sementes pela UFLA (2012). Atualmente é professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano/Campus Rio Verde (IFGoiano, Campus Rio Verde), Goiás, Brasil, desde 2006. Docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias (Nível Mestrado e Doutorado) do IFGoiano/Campus Rio Verde, Coordenadora e docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade e Conservação (Nível Mestrado), do IFGoiano/Campus Rio Verde e colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Biotecnologia e Biodiversidade (PPGBB) em rede (Nível Doutorado). Tem experiência na área de Fisiologia de Sementes de Espécies Medicinais e Frutíferas do Cerrado e atua na Tecnologia e Produção de Sementes e Mudas de Plantas Nativas do Cerrado. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Juliana de Fátima Sales
Nome em citações bibliográficas
SALES, J. F.;SALES, Juliana de Fátima;SALES, JULIANA DE FATIMA;JULIANA, DE FÁTIMA SALES;JULIANA, DE FATIMA SALES;JULIANA, DE FTIMA SALES;SALES, JULIANA DE F.;SALES, J F;Juliana de Fátima Sales;DE FÁTIMA SALES, JULIANA;SALES, J.F.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Federal Goiano.
Avenida Sul Goiana, Km 01
Zona Rural
75900000 - Rio Verde, GO - Brasil
Telefone: (64) 6205617
URL da Homepage: http://www.cefetrv.edu.br


Formação acadêmica/titulação


2003 - 2006
Doutorado em Agronomia (Fitotecnia).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Título: Germinação de sementes, crescimento da planta e composição química do óleo essencial de Hyptis marrubioides Epl., Lamiaceae., Ano de obtenção: 2006.
Orientador: José Eduardo Brasil Pereira Pinto.
Palavras-chave: Plantas Medicinais; Cultura de tecidos; Sementes; Hyptis marrubioides; Oleo essencial.
2000 - 2002
Mestrado em Agronomia (Fisiologia Vegetal).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Título: Atividade da celulase sobre o processo germinativo de sementes de cafeeiro (Coffea arabica L.),Ano de Obtenção: 2002.
Orientador: Amauri Alves de Alvarenga.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil.
Palavras-chave: café; Semente; Germinação; celulase.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Produtos e Processos Biotecnológicos; Produção Vegetal.
1999 - 1999
Graduação em Licenciatura Plena Em Biologia.
Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, Brasil.
1996 - 1998
Graduação em Licenciatura Curta Em Ciências.
Universidade do Estado de Minas Gerais, UEMG, Brasil.


Pós-doutorado


2011 - 2012
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Agrárias


Atuação Profissional



IFGoiano, Campus Rio Verde, IFG, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Instituto Federal Goiano, IF Goiano, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor concursado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2016 - Atual
Direção e administração, Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde, .

Cargo ou função
Coordenadora do Programa de Pós-Graduação (nível mestrado) em Biodiversidade e Conservação.
01/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde, .

02/2011 - Atual
Ensino, Ciências Agrárias, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Sementes
08/2009 - Atual
Ensino, Ciências Agrárias, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Fisiologia de Sementes
07/2009 - Atual
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia e Organografia Vegetal
02/2008 - Atual
Ensino, Agronomia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Organografia e Sistemática Vegetal
Produção e Tecnologia de Sementes
01/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde, .

01/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde, .

01/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde, .

01/2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde, .

08/2011 - 12/2012
Ensino, Zootecnia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Fisiologia de sementes de plantas forrageiras
02/2009 - 12/2010
Ensino, Zootecnia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Fisiologia Vegetal
08/2006 - 07/2010
Ensino, Tecnologia em Produção de Grãos, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Botânica Agrícola
Fisiologia Vegetal
Produção e Tecnologia de Sementes
02/2008 - 12/2009
Ensino, Agronomia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Vegetal
02/2008 - 05/2009
Direção e administração, Coordenação do Curso de Ciências Biológicas, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.

Fundação do Ensino Superior de Rio Verde, FESURV, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2007
Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

02/2005 - 01/2007
Direção e administração, Diretora da Faculdade de Biologia, .

Cargo ou função
Diretora da Faculdade de Biologia.
8/2003 - 01/2007
Ensino, Biologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Botânica I
Botânica II (Sistemática Vegetal)
Botânica III (Fisiologia Vegetal)


Linhas de pesquisa


1.
Tolerância a Dessecação de espécies nativas do cerrado

Objetivo: Este projeto tem como objetivo avaliar os efeitos da temperatura e da secagem e suas influências na conservação das sementes durante o armazenamento..
Palavras-chave: Sementes recalcitrantes; Tecnologia de produção de sementes; Criopreservação de sementes; Sementes florestais nativas.
2.
Produção de metabólitos secundários in vitro

Objetivo: Objetiva-se a micropropagação de espécies nativas do Cerrado, com potenciais usos na medicina popular, para a produção de metabólitos secundários in vitro..
Palavras-chave: Plantas medicinais do Cerrado; Alcalóides, flavonóides, taninos, saponinas; Óleos essenciais; Cultura de tecidos vegetais.
3.
Fisiologia e bioquímica de sementes

Objetivo: Estudos da qualidade fisiológica de sementes de espécies nativas do Cerrado e cultivadas, por meio de testes de vigor. Concomitantemente, são realizados testes bioquímicos que permitem analisar a qualidade fisiológica das sementes em diferentes secagem e armazenamentos, que visam subsidiar a tecnologia de produção de mudas..
Palavras-chave: Germinação de sementes; Vigor de sementes; Sementes florestais; Qualidade fisiológica de sementes; Secagem e armazenamento de sementes.
4.
Análises de sementes por testes de raios-X

Objetivo: A análise da morfologia interna por meio dos testes de raios-X, permitem por um método físico, rápido e não-destrutivo, detectar a formação de sementes que podem comprometer a qualidade de um lote de sementes. Assim, as pesquisas da morfologia de sementes por testes de raios-X, principalmente para espécies nativas são bastante promissoras para a produção de mudas destas espécies..
Palavras-chave: Produção de mudas; Tecnologia e Produção de Sementes; Sementes florestais.
5.
Superação de dormência de sementes de espécies nativas do cerrado

Objetivo: Avaliações de diferentes métodos de superação de dormência das sementes de espécies nativas, que na sua maioria apresentam uma lenta e desuniforme germinação, visando uma germinação mais rápida e uniforme..
Palavras-chave: Espécies nativas florestais; Dormência de sementes; Produção de mudas.


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Abelhas: Produção de alimentos e sustentabilidade sociocultural
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2018 - Atual
Qualidade de sementes de milho afetadas por molicutes e MRFV
Descrição: Dentre os principais problemas relacionados à fitossanidade, os enfezamentos têm ganhado importância nos últimos anos em virtude dos danos causados ao milho, principalmente nas regiões produtoras do Brasil Central incluindo o Sudoeste Goiano. O complexo do enfezamento-do-milho é uma doença sistêmica, transmitida pelo inseto-vetor, a cigarrinha-do-milho Dalbulus maidis, transmissora dos molicutes espiroplasma Spiroplasma kunkelii causador do enfezamento-pálido, o fitoplasma Maize bushy stunt (MBS fitoplasma) causador do enfezamento-vermelho, e o vírus Maize Rayado Fino Virus (MRFV) Esses patógenos afetam a fisiologia, a nutrição, o desenvolvimento e consequentemente a produtividade de sementes e grãos da planta infectada, que pode variar de acordo com severidade da doença no campo. E a adoção de medidas para mitigar esses efeitos sob a produção e beneficiamento de sementes e importante para assegurar a comercialização de um produto de alta qualidade. Diante disso, nas etapas de pós-colheita, teste de qualidade fisiológica, bioquímica e análises de imagens de sementes, podem ser utilizados como um importante meio para aferir a qualidade das sementes. A utilização de testes de vigor baseados em analises fisiológicos, bioquímicos e de imagens, no controle de qualidade de sementes complementa as informações obtidas no teste de germinação e permite a obtenção de resultados com maior reprodutibilidade sob condições adversas de campo e possibilita detectar atributos mais sutis de qualidade das sementes, não revelados pelo teste de germinação. Sendo assim, a carência de estudos sobre a influência dos danos causados pelo enfezamento-do-milho nos atributos de qualidade de sementes, conduz a importância de caracterizar os danos e relacioná-los com a qualidade das sementes, a fim de identificar, e eliminar possíveis sementes ou lotes comprometidos de campos de produção de sementes afetados pelo patógeno..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / stella tomaz de castro - Integrante / Fernando Higino de Lima e Silva - Coordenador / Jhonata Cantuária Medeiros - Integrante.
2017 - Atual
Qualidade fisiológica e caracterização bioquímica de sementes de mamona híbrida durante o armazenamento
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - 2018
Caracterização morfoanatômica e fisiológica de Mauritia Flexuosa, para desenvolvimento de protocolo de conservação.
Descrição: Mauritia flexuosa L., encontrado em veredas, é um indicador ecológico, da presença de nascentes e poços de água, e tem sofrido forte pressão antrópica no Cerrado, devido à expansão da agropecuária. Assim faz se necessário o conhecimento das características morfológicas e anatômicas de sementes e plântulas, determinar o limite máximo de desidratação de sementes para armazenamento convencional e criogênico e definir métodos e procedimentos adequados para a elaboração de protocolos de conservação e manutenção da qualidade fisiológica da sementes. Fornecendo assim informações para entendimento das suas estruturas, avaliando interações ou mudanças evolutivas, contribuindo para classificação de plantas, além de auxiliar no levantamento ecológico, para o estudo dos mecanismos de dispersão, sucessão e regeneração natural da espécie, o que proporciona maior sucesso no reflorestamento e implantação de sistemas agroflorestais e reconhecimento de áreas degradadas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2016 - 2018
Potencial bioindicador de Sapindus saponaria a chuva simulada de fluoreto de potássio: traços anatômicos e fisiológicos
Descrição: O flúor é encontrado na atmosfera principalmente na forma de ácido fluorídrico, lançado por indústrias ligadas à produção de alumínio, vidro e cerâmica, além de fertilizantes fosfatados. É um elemento de alta toxicidade, bastante prejudicial ao crescimento das plantas. A espécie Sapindus saponaria L. pertence à família Sapindaceae possui ampla distribuição nos EUA, no México e na Argentina, bem como nos estados brasileiros do Amazonas, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, sendo empregada no paisagismo urbano e em modelos de recuperação de áreas degradadas, o que a torna espécie potencial para a bioindicação. Assim, o objetivo deste trabalho foi investigar o potencial de S. saponaria para a bioindicação com flúor através da caracterização dos efeitos do KF (fluoreto de potássio), via chuva simulada..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2018
Higroscopicidade e qualidade fisiológica de sementes de mamona sob diferentes procedimentos de beneficiamento e armazenamento
Descrição: Avaliar a influencia da massa específica e tamanho das sementes, bem como do armazenamento na qualidade fisiológica das sementes de mamona e, compreender as variáveis físicas envolvidas no equilíbrio higroscópico das sementes de genótipos de mamona..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2018
Qualidade fisiológica e propriedades físicas de sementes de mamona sob diferentes métodos de colheita e armazenamento criogênico
Descrição: A mamona é uma oleaginosa de expressivo valor econômico, seu óleo é utilizado em variados segmentos, porém a desuniformidade de maturação dos cachos acarreta em prejuízos na colheita e danos nas sementes, com isso, objetiva-se avaliar a qualidade e as propriedades físicas de sementes de mamona (Ricinus communis L.) colhidas de forma manual e mecânica e sob criopreservação. está sendo utilizado sementes de 5 genótipos de mamona produzidos pela Empresa Sementes Goiás, oriundas de colheita manual e mecânica, localizado no Município de Rio Verde - GO.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2018
Germinação de sementes de Alibertia sessilis Schum. sob diferentes substratos, temperaturas, luminosidade, teores de água e morfologia do desenvolvimento pós-seminal
Descrição: Alibertia sessilis, conhecida como marmelada-de-cachorro, marmelinho-do-campo ou goiaba-preta é uma espécie de importância frutífera e medicinal no bioma Cerrado. Objetiva-se neste trabalho avaliar a germinação de sementes de Alibertia sessilis em diferentes em substrato e temperaturas, ambientes luminosos, teores de água e descrever as características morfológicas de plântulas durante a germinação das sementes. Serão realizados quatro ensaios. O primeiro será instalado em esquema fatorial de 3x4 (substratos x temperaturas) com quatro repetições de 50 sementes cada. Serão testados os substratos: sobre papel, rolo de papel, sobre areia, e as temperaturas: 20; 25 e 30 oC constantes e 20-30 oC alternada. No segundo ensaio, os tratamentos consistiram da combinação de dois ambientes, ausência e presença de luz e quatro temperaturas, 20, 25 e 30 oC e 20-30 oC (12-12 horas) em substrato sobre papel, configurando um esquema fatorial de 2x4 (ambiente x temperatura), com quatro repetições de 50 sementes, em delineamento inteiramente casualizado. No terceiro ensaio, os tratamentos consistiram da combinação de dois ambientes (ausência e presença de luz) e seis concentrações de ácido giberélico (0; 100; 200; 300; 400 e 500 mg L-1), com quatro repetições de 25 sementes, em delineamento inteiramente casualizado. No quarto ensaio, será avaliada a germinação das sementes após serem submetidas a secagem em sílica gel até a obtenção dos teores de água 25, 22, 16, 12, 10 e 8% (B.U). Nos ensaios, as variáveis respostas serão: germinação percentual na primeira contagem e contagem final, percentual de plântulas normais, emergência percentual na primeira contagem e na contagem final, percentual de plântulas normais na emergência, índice de velocidade de germinação (IVG), velocidade de germinação (VG), índice de velocidade de emergência (IVE), velocidade de emergência (VE), tempo médio para a ocorrência de 50% da germinação, tempo médio para a ocorrência de 50% da emergência, germinação e emergência acumulada. Os dados serão submetidos à analise de variância, sendo as médias dos dados qualitativos comparadas por teste de médias, teste de Tukey a 5% de probabilidade, e os dados quantitativos submetidos à regressão..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2018
Propriedades físicas e qualidade fisiológica de sementes de algodão durante o armazenamento
Descrição: O algodoeiro é uma das principais culturas cultivadas tanto no Brasil, quanto no mundo, principalmente devido a sua fibra amplamente utilizada no mercado têxtil. O Brasil é o quinto maior produtor mundial desta cultura, ficando atrás apenas de países como: China, Índia, Estados Unidos e Paquistão. O objetivo deste trabalho é de avaliar as propriedades físicas de sementes de seis genótipos comerciais de algodão ao longo do armazenamento através de testes fisiológicos, análises de raios-x e métodos de anatomia vegetal. Os seis genótipos serão armazenados sob duas temperaturas: ambiente controlado a 20 °C e em temperatura ambiente, monitoradas por higrógrafos para os valores de temperatura e umidade do ar. As sementes serão armazenadas em sacos de papel do tipo ?Kraft? pelo período de 270 dias com avaliações de qualidade fisiológica: testes padrões de germinação e emergência e índices de velocidade, teste de frio, envelhecimento acelerado e condutividade elétrica a cada 90 dias. Serão avaliadas as propriedades físicas de cada um dos genótipos e caracterizadas de acordo com seu tamanho e espessura do tegumento. As sementes serão também caracterizadas em microscopia de luz e análises histoquímicas para aferir a espessura do tegumento e composição química..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Desenvolvimento de máquina extratora de sementes e de substratos para produção sustentável de mudas de macaúba [Acrocomia aculeata (Jacq.) Loddiges ex Mart.]
Descrição: Projeto certificado pela empresa Ypiranga Usinagem e Indústria de Peças em 16/01/2015. A macaúba pertencente à família das Arecaceaes destaca-se por suas inúmeras utilidades, sendo a mais promissora, seu potencial oleaginoso e produtivo. Portanto, busca-se nesse projeto, a elaboração de uma máquina extratora de sementes para produção de mudas de macaúba em larga escala. Aproveitando a máquina de extração para produção de um substrato de boa qualidade física e nutricionalmente rico, confeccionado a partir dos resíduos gerados durante a extração das sementes. Tornando assim, esse processo sustentável, viável e passível de utilização pelos agricultores familiares, melhorando o desempenho social e ambiental do presente, além de garanti-lo as necessidades futuras..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Caracterização anatômica, polínica e fisiológica de estruturas reprodutivas de Solanum melissarum Bohs (Solanaceae)
Descrição: Solanum melissarum Bohs, popularmente conhecida como baga-de-veado, é uma espécie rara e endêmica da vegetação brasileira, com registros nos estados da Paraíba, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo. Indivíduos de S. melissarum foram encontrados em área de mata de galeria no perímetro urbano do município de Jataí-Goiás. Esta pesquisa objetiva o estudo anatômico e histoquímico das flores, frutos e sementes de S. melissarum, a análise morfológica e da viabilidade dos grãos de pólen e a superação de dormência e análise da qualidade fisiológica das sementes desta espécie. Para o estudo anatômico, as amostras serão submetidas à microscopia óptica e microscopia eletrônica de transmissão e de varredura. Pólens serão coletados de flores em pré-antese e em antese e submetidos à acetólise e aos testes histoquímicos e germinação in vitro, para as análises da morfologia e da viabilidade polínica, respectivamente. Frutos maduros serão coletados para a análise da caracterização externa dos frutos, sementes e plântulas, teor de água, peso da matéria seca, biologia da germinação e armazenamento de sementes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Biologia da germinação e desenvolvimento pós-seminal de Delonix regia (Fabaceae, Caesalpinoideae)
Descrição: Delonix regia, popularmente conhecida como Flamboyant, é uma espécie arbórea exótica de potencial uso ornamental, industrial e medicinal. A dormência física de suas sementes é reportada na literatura, entretanto aspectos da morfologia interna das sementes, padrão de embebição, anatomia e morfologia de plântulas no estádio inicial de desenvolvimento, da mobilização de reservas e bioquímicas nas respostas anti-oxidativas durante a germinação ainda são desconhecidos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / Evaristo Mauro Castro - Integrante / Kelly Juliane Telles Nascimento - Integrante / JACSON ZUCHI - Integrante / Lília Cristina de Souza Barbosa - Integrante / Moara Mariely Vinhais Souza - Integrante / Diego Ismael Rocha - Integrante / Nayara Paulla Carvalho Assis - Integrante / mateus silva souza - Integrante.
2014 - 2018
Avaliações fisiológicas e bioquímicas em sementes de Sterculia striata St. Hil et Naud submetidas ao armazenamento
Descrição: O chichazeiro é uma espécie nativa do Brasil que destaca-se dentro de várias potencialidades no ramo alimentar, por ter uma amêndoa de boa aceitabilidade com baixo teor de lipídeos, e por possuir propriedades farmacêuticas e medicinais. Diante de sua importância e da escassez de informações técnico-cientificas sobre a espécie, esse projeto se propõem a desenvolver estratégias eficazes para armazenamento de Sterculia striata visando a manutenção da qualidade fisiológica e bioquímica de suas sementes, bem como ajustar protocolos para verificação do potencial fisiológico e posterior padronização do material biológico (sementes) a ser comercializado. As sementes foram coletadas no estado de Goiás, por dois anos consecutivos sendo então homogeneizadas. O estudo ainda em desenvolvimento foi dividido em cinco etapas. Na primeira foram ajustados os protocolos para avaliação da qualidade fisiológica das sementes por meio de ajuste dos testes de germinação, condutividade elétrica e envelhecimento acelerado. Na segunda etapa, foram realizadas as comparações entre as metodologias ajustadas na etapa 1, para indicação dos testes mais adequados para a avaliação do potencial fisiológico das mesmas. Na terceira etapa, determinaram-se as isotermas de dessorção. Na quarta, realizado o armazenamento em diferentes condições de ambiente e criopreservação. Na última etapa, realizar-se-ão as análises bioquímicas e fisiológicas a partir do material proveniente das diferentes condições de armazenamento. Desta maneira, espera-se com esse projeto contribuir para um maior conhecimento sobre a conservação e suas possíveis alterações fisiológicas e bioquímicas durante o armazenamento, bem como o desenvolvimento de protocolos adequados para verificação da qualidade de sementes de S. striata, possibilitando assim a manutenção e preservação de sementes de S. striata por uma faixa de tempo segura..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Osvaldo Resende - Integrante / Melicia Ingredi Araujo Gavazza - Integrante.
2014 - 2018
Alterações fisiológicas e bioquímicas em sementes Sapindus saponaria L. durante o armazenamento
Descrição: O presente trabalho tem como objetivo verificar os efeitos fisiológicos, bioquímicos e enzimáticos em armazenamento convencional e criogênico de sementes de Sapindus saponária L. Experimento 1: Armazenamento convencional, será realizado o armazenamento de sementes em diferentes combinações entre ambientes e embalagens durante um período de 12 meses, fazendo-se avaliações a cada 3 meses. Experimento 2: Armazenamento criogênico, será realizado com as sementes em diferentes teores de água inicial (5, 6, 7, e 7,8% b.u.) com e sem tratamento com substâncias crioprotetoras, em seguida as mesmas serão acondicionadas em botijões criogênicos com nitrogênio líquido a -196 oC; após 15, 30, 45 e 60 dias do início da criogenia serão realizadas as avaliações do potencial fisiológico das sementes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / Karine Feliciano Barbosa - Integrante / JACSON ZUCHI - Integrante / Ana Lúcia Cabral - Integrante / Jennifer Maiara Domingues da Silva - Integrante.
2014 - 2016
Secagem e armazenamento de sementes de caju de arvore do cerrado (Anacardium othonianum rizz), cafezinho do cerrado (Ramnidium elaeocarpum reissek) e baru( Dipteryx alata vog.), pela técnica da ultrassecagem.
Descrição: Para muitas espécies nativas, a produção de sementes é irregular, podendo ser escassa em determinados anos e abundante em outros (CARNEIRO e AGUIAR, 1993). Desse modo, o armazenamento de sementes é uma forma de regular sua disponibilidade para fins de reflorestamento, plantios comerciais e para a preservação de bancos de germoplasma (SLAGEREN, 2003). Entretanto, para a maioria das espécies arbóreas nativas, o conhecimento das condições ideais para a manutenção da qualidade das sementes ao longo do armazenamento é limitado ou inexistente (CARVALHO, et al., 2006). O armazenamento de sementes constitui uma forma segura e econômica de conservação da diversidade genética vegetal e, no caso de espécies florestais, representa uma estratégia para suprir a demanda contínua de mudas para sementes comerciais, reflorestamentos e recomposição de áreas degradadas. OBJETIVO GERAL: Ampliar e melhorar a conservação de germoplasma das três espécies do domínio cerrado brasileiro pela utilização de ultrassecagem. OBJETIVOS ESPECÍFICOS: Desenvolver um método de secagem artificial rápido e sem a necessidade de aquecimento da massa de sementes; Otimizar a o processo de desidratação dos tecidos para preservar a estrutura capilar da matriz interna das sementes; Disponibilizar um método eficiente de secagem e armazenamento de germoplasma, renovável e não poluidor do ambiente..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Aclimatização de plântulas de guapeva (Pouteria gardneriana Radlk) cultivadas in vitro em condições estimuladoras do fotoautotrofismo
Descrição: Objetiva-se com este trabalho conhecer o comportamento de plântulas de guapeva cultivadas in vitro sob condições que estimulem o crescimento autotrófico visando ganhos na sobrevivência durante a aclimatização. Serão avaliados a indução do comportamento autotrófico será em diferentes irradiâncias (0; 50; 75; 100 e 150 µmol m-2 s1) e em meio de cultivo na presença (30 mg.L-1) método convencional e ausência de sacarose, diferentes suportes (vermiculita e bagaço de cana) no meio de cultivo em comparação ao ágar, o estímulo de brotações utilizando BAP (Benzilaminopurina) em dois ambientes de cultivo, enraizamento utilizando ANA e AIA no biorreator de borbulhamento e será avaliado a sobrevivências das mudas durante aclimatização. Espera-se com esse trabalho indicar a irradiância que proporcione maior crescimento de plântulas de guapeva cultivada em meio na ausência ou presença de sacarose, indicar um suporte alternativo que possa ser utilizado em substituição ao ágar, possibilitar o uso do biorreator para produção massal de mudas e estabelecer um protocolo para aclimatização das mudas micropropagadas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Parâmetros de crescimento, anatômicos e mecânicos fisiológicos em plântulas de croada (Mouriri elliptica Mart.) submetidas a fatores que estimulam o desenvolvimento autotrófico in vitro
Descrição: Descrição: Conhecer o comportamento de plântulas de croada cultivadas in vitro sob condições que estimulam o comportamento autotrófico. Para tanto, pretende-se considerar parâmetros de crescimento, mecanismos fisiológicos e, anatômicos. Dentre os fatores independentes a serem estudados cita-se: utilização de suporte mais porosos em comparação ao ágar, aumento no fornecimento de irradiâncias, fornecimento parcial ou eliminação do fornecimento de carboidrato ao meio de cultivo, uso de Biorreator de borbulhamento para proporcionar multibrotações e enraizamento das plântulas tendo em vista ganhos nas taxas de sobrevivência no processo de aclimatização..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Fabiano Guimarães Silva - Coordenador / Elisvane Silva Assis - Integrante.
2013 - 2018
Influência do Alumínio em Eugenia dysenterica DC. e Hancornia speciosa Gomes

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Sebastiao Carvalho Vasconcelos Filho em 25/02/2016.
Descrição: Eugenia dysenterica DC. e Hancornia speciosa Gomes são espécies de cerrado, típicas de solos arenosos, ácidos e pobres em nutrientes. O estudo de espécies nativas tolerantes ao alumínio vêm sendo considerado a melhor alternativa no aumento da produção em solos ácidos com concentrações altas desse cátion. O objetivo é avaliar o efeito do alumínio no crescimento radicular, fluorescência da clorofila-a, analise enzimática do sistema antioxidativo, estrutura anatômica da raiz, caule, folha e absorção de minerais de Eugenia dysenterica e Hancornia speciosa, cultivadas em solução nutritiva com diferentes doses de Al..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Sebastião Carvalho Vasconcelos Filho - Coordenador / Douglas Aleida Rodrigues - Integrante / Arthur Almeida Rodrigues - Integrante / Cássia Lima Rodrigues - Integrante.
2013 - 2016
Diferenciação fenotípica e molecular, análise de imagens radiográficas, alterações fisiológicas e bioquímicas e tolerância ao alumínio em sementes de Campomanesia pubescens (DC.) Berg (Myrtaceae)
Descrição: Este trabalho objetiva o estudo de diferentes tipos morfológicos existentes da espécie Campomanesia pubescens (subespécies ou variedades), através das análises realizadas nos grãos de pólen e teste de paternidade. Além disso, serão realizadas análises das sementes dos diferentes grupos pelo teste de raios-X para estudo da morfologia interna e a tolerância ao alumínio em plântulas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - Atual
Avaliação da estrutura e do potencial fisiológico de sementes de quatro espécies florestais nativas do Cerrado
Descrição: Esta pesquisa apresenta auxílio fomento pelo CNPq, Edital Universal n° 14/2013, Chamada NCTI/CNPq. Objetiva-se utilizar a técnica de análise de imagens de raios X na avaliação da qualidade das sementes pós secagem e armazenamento, contribuindo para o controle da qualidade das sementes das espécies Anacardium othonianum Rizz., Eugenia dysenterica DC., Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk e Dipteryx alata Vog., de modo a avaliar a ocorrência de danos internos nas sementes, visto que não existe na literatura esses estudos com estas espécies..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - Atual
Caracterização morfológica, mudanças fisiológicas e bioquímicas em sementes de cafezinho-do-cerrado [Rhamnidium elaeocarpum Reissek (Rhamnaceae)]; curriola [Pouteria ramiflora Radlk (Sapotaceae)] e quina (Strychnos pseudoquina) submetidos à secagem.
Descrição: A presente pesquisa é financiada pelo Edital Universal, da Chamada Pública n°005/2012, financiado pela FAPEG. Tem por objetivo investigar Tem por objetivo investigar o padrão enzimático, mudanças no padrão eletroforético das proteínas resistentes ao calor e a qualidade fisiológica das sementes de CAFEZINHO-DO-CERRADO [RHAMNIDIUM ELAEOCARPUM REISSEK (RHAMNACEAE)]; CURRIOLA [POUTERIA RAMIFLORA RADLK (SAPOTACEAE)] E QUINA (STRYCHNOS PSEUDOQUINA), submetidas à secagem, além de elucidar os caracteres morfológicos da sementes e do desenvolvimento pós-seminal das espécies estudadas...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Bethânia Silva Morais de Freitas - Integrante / GLICELIA PEREIRA SILVA - Integrante / Lílian Abadia da Silva - Integrante / João Almir Oliveira - Integrante / Pedro Henrique Castro Magalhães Ferreira - Integrante / Sabrina Cabral França - Integrante.
2013 - Atual
Avaliação da morfologia interna e da viabilidade de sementes de quatro espécies frutíferas nativas do Cerrado por meio da análise de imagens de raios X
Descrição: O uso de testes de raios X para a análise da morfologia interna pode auxiliar na avaliação da viabilidade de sementes nativas florestais. A produção de mudas pode ser bastante beneficiada com esta técnica, que fornece resultados rápidos e precisos, sem promover danos físicos nas sementes. Diversas espécies nativas do Cerrado apresentam potencial comestível, em diferentes fins alimentícios e industriais, sendo muito exploradas. Esta pesquisa têm por objetivo, estudar a morfologia interna de sementes de quatro espécies frutíferas do Cerrado, utilizando a técnica do teste de raios-X, para a análise da morfologia interna. As imagens radiográficas obtidas serão avaliadas e categorizadas conforme a morfologia e os danos externos e internos. Testes de germinação e emergência de plântulas serão realizados para comparar a eficiência dos resultados obtidos nos testes de raios-X..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Osvaldo Resende - Integrante / Lílian Abadia da Silva - Integrante.
2013 - Atual
CRIOPRESERVAÇÃO E MANUTENÇÃO DE BANCOS DE GERMOPLASMA IN VIVO DE ESPÉCIES NATIVAS DO CERRADO COM POTENCIAL FRUTÍFERO E MEDICINAL
Descrição: Os bancos de germoplasma são definidos como unidades conservadoras de material genético de uso imediato ou com potencial de uso futuro, onde não ocorre o descarte de acessos, o que os diferencia das coleções de trabalho, que são aquelas em que se elimina o que não interessa ao melhoramento genético. Podem ser classificados em bancos de base ou em bancos ativos. Os primeiros são aqueles em que se conserva o germoplasma em câmaras frias (conservação de 1ºC até -20ºC), in vitro (conservação de partes vegetais em meio de cultura de crescimento) ou em criopreservação (conservação em nitrogênio líquido a -196ºC), por longos prazos, podendo até mesmo ficar longe do local de trabalho do melhorista genético. Este projeto tem como objetivo: 1) Avaliar o teor de água limite (TULC) e a melhor forma de descongelamento para a criopreservação das sementes de caju-de-arvore-do-cerrado (Anacardium othonianum Rizz), Caju-rasteiro (Anacardium pumilum Walp.), Cajuzinho-do-Cerrado (Anacardium humile St. Hil.) e Croada (Mouriri elliptica ; 2) Avaliar o ambiente e período adequado para o armazenamento das sementes das espécies descritas acima; 3) Manter a ampliar os Bancos Ativo de Germoplasma (BAG) de nativas do cerrado do IF Goiano ? Campus Rio Verde e da Cooperativa Agroindustrial dos produtores Rurais do Sudoeste Goiano Ltda (COMIGO), localizados nas Fazendas Florestal I e II; 4) Avaliar o crescimento e comportamento fenológico de 19 espécies nos BAG do IF Goiano e COMIGO: Cajazinho do cerrado (Spondias mombin L.), Curriola [Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk.], Guapeva (Pouteria gardneriana (A. DC.) Radlk.), Caju-de-árvore-do-cerrado (Anacardium othonianum Rizz.); Quina (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.); Murici (Byrsonima verbascifolia); Macaúba (Acrocomia aculeata); Babaçu (Orbignya phalerata); Tucumã-de-Goiás (Astrocaryum huaimi Mart.), Guariroba (Syagrus oleracea Becc); Pequi (Caryocar brasiliense Camb.); Gabiroba (Campomanesia cambessedeana Berg.); Caju-rasteiro (A. pumilum ..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - Atual
Desenvolvimento de protocolos para conservação de sementes de três espécies frutíferas nativas do Cerrado durante o armazenamento.
Descrição: A pesquisa possui auxílio fomento CNPq ? Chamada Pública n°04/2013 MEC/ SETEC / CNPq Linha 1 Faixa B. A presente proposta almeja estudar o comportamento de sementes de três espécies frutíferas nativas do Cerrado quanto a tolerância à dessecação durante o armazenamento, com a finalidade de determinar a condição ideal de armazenamento para as espécies barú (Dipteryx alata Vog.), pequi (Caryocar brasiliense Camb.), e caju rasteiro do Cerrado (Anacardium pumilum Walp.). Com a formação de bancos de sementes e germoplasmas pode- se preservar as informações genéticas das espécies e disponibilizá-las com alta qualidade fisiológica, o que garante a produção de mudas em grande escala. Serão realizados testes fisiológicos, bioquímicos, histoquímicos e análise de imagem (Raios X) para avaliar os danos ocasionados pela redução do teor de água na secagem e durante o armazenamento..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / João Almir de Oliveira - Integrante / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Sebastião Carvalho Vasconcelos Filho - Integrante / Osvaldo Resende - Integrante / GLICELIA PEREIRA SILVA - Integrante / Lílian Abadia da Silva - Integrante / Pedro Henrique Castro Magalhães Ferreira - Integrante / Patrícia Cardoso Ferreira - Integrante / Karine Feliciano Barbosa - Integrante / Adriana Luiza Pinto - Integrante / Arthur Almeida Rodrigues - Integrante / Júlien da Silva Lima - Integrante / Fábio Henrique Dyszy - Integrante.
2013 - Atual
Estudo do pré-processamento, secagem e armazenagem do crambe e do girassol
Descrição: Atualmente, a utilização de fonte de energia renovável é uma preocupação mundial e foco de diversas pesquisas. Diante do potencial de utilização dos biocombustíveis na matriz energética brasileira, bem como da escassez de informações a respeito dos fenômenos que ocorrem durante a armazenagem das espécies oleaginosas, além do avanço do conhecimento na área de tecnologia pós-colheita, pretende-se com as investigações sobre o pré-processamento do crambe e do girassol propor tecnologias inovadoras para otimizar os sistemas agrícolas de produção para inclusão social da agricultura familiar. Dentro desta visão, pretende-se colocar à disposição da sociedade informações relevantes destas oleaginosas, pois, os agricultores da região e as empresas do setor produtivo e armazenador necessitam de informações técnicas eficientes e de baixo custo, de modo a elevar a qualidade do crambe e do girassol durante a fase pós-colheita para o fornecimento de sementes de elevada qualidade e para o processamento industrial..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2014
DESENVOLVIMENTO DE PROCESSOS BIOTECNOLÓGICOS PARA PRODUÇÃO DE MUDAS E PROMOÇÃO DE CRESCIMENTO DE PALMÁCEAS DE INTERESSE AO MERCADO DE JARDINAGEM, PAISAGISMO E BIOCOMBUSTÍVEL.
Descrição: A presente pesquisa é financiada pelo edital CHAMADA PÚBLICA Nº 01/2011 [Propostas para apoio à pesquisa, desenvolvimento e inovação em microempresas e empresas de pequeno porte de base tecnológica na modalidade subvenção econômica (PAPPE INTEGRAÇÃO)], financiado pela FINEP e FAPEG. Tem como objetivos o desenvolvimento de processos para a obtenção de mudas das espécies Acrocomia aculeata (Jacq.) Loodiges ex Mart. (Macaúba), Butia purpurascens (Palmeira Jataí) e Butia archeri (Butiá), capazes de promoverem o crescimento vegetal para atender a demanda do mercado de jardinagem, paisagismo e biocombustível. Para isto, serão isolados microrganismos endofíticos e rizosféricos com traços funcionais de interesse na promoção de crescimento vegetal . Esta comunidade microbiana será utilizada na busca de linhagens com capacidade de controle de microrganismos deterioradores de sementes submetidas a germinação. A promoção do crescimento de plantas pelos microrganismos será avaliada em plântulas micropropagadas in vitro e transferidas para tubetes plásticos contendo substrato..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (3) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / Edson Luiz Souchie - Integrante / Aurélio Rúbio Neto - Integrante / Juliana Silva Rodrigues Cabral - Integrante / Luciana Cristina Vitorino - Integrante / Marcos Antônio Soares - Integrante / Cintia Faria da Silva - Integrante.Financiador(es): FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA DO ESTADO DE GOIÁS - Auxílio financeiro / FINANCIADORA DE ESTUDOS E PROJETOS - Auxílio financeiro.
2012 - Atual
CONSOLIDAÇÃO DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS POR MEIO DA INTEGRAÇÃO IFGOIANO - UFV, COM VISTAS À CRIAÇÃO DO PRIMEIRO DOUTORADO NO INTERIOR DO ESTADO DE GOIÁS
Descrição: Trata-se de uma parceria de integração e compartilhamento das potencialidades e experiências dos pesquisadores do PPGFV-UFV, constitui numa importante estratégia para melhoria dos índices acadêmicos e científicos do PPGCA-IFGoiano aumentando assim, as possibilidades de aprovação na CAPES da proposta de criação do doutorado no Campus Rio Verde. As pesquisas que serão desenvolvidas estão agrupadas em quatro subprojetos, tendo todos eles como eixo integrador a fisiologia de plantas nativas do cerrado. Os subprojetos foram propostos objetivando consolidar as linhas de pesquisa do PPGCA-IFGoiano por meio do compartilhamento de experiências dos pesquisadores do PPGFV-UFV. Em todos os subprojetos está previsto envolvimento de forma integrada, nas diferentes fases de execução, de pesquisadores e estudantes do PPGCA-IFGoiano e PPGFV-UFV..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (20) / Mestrado acadêmico: (8) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Alan Carlos Costa - Coordenador / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / FLÁVIA DIONÍSIO PEREIRA - Integrante / CLARICE MEGGUER - Integrante / ADRIANO JAKELAITIS - Integrante / LILIAN ABADIA SILVA - Integrante / GLICELIA PEREIRA SILVA - Integrante / FÁBIO MURILLO DA MATA - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2012 - Atual
Propriedades físicas e mecânicas do crambe e do nabo forrageiro durante a secagem e avaliação da qualidade durante o armazenamento.

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Osvaldo Resende em 07/12/2012.
Descrição: O crambe e o nabo forrageiro surgem como potenciais matérias-primas para a obtenção de biocombustíveis. No entanto, na literatura, existe escassez de informações a respeito dos fenômenos que ocorrem durante a secagem e o armazenamento dos frutos de crambe e das sementes de nabo forrageiro. Portanto, torna-se relevante à execução de trabalhos referentes ao assunto, que possam gerar informações teóricas e práticas para melhorar a conservação pós-colheita destes produtos. Assim, os objetivos neste trabalho serão: determinar e analisar as propriedades físicas das sementes de nabo forrageiro ao longo da redução do teor de água em diferentes temperaturas de secagem; - verificar a influência do teor de água dos frutos de crambe e sementes de nabo forrageiro nos valores da força máxima de compressão para deformações fixas e determinar o módulo proporcional de deformidade dos produtos submetidos à compressão uniaxial; - determinar a força de ruptura necessária para a extração do pericarpo dos frutos de crambe e ruptura do tegumento das sementes de nabo forrageiro; - avaliar a qualidade dos frutos de crambe e das sementes de nabo forrageiro ao logo de doze meses de armazenamento. - verificar a influência de diferentes teores de água na qualidade dos frutos de crambe e das sementes de nabo forrageiro durante o armazenamento. Serão utilizados frutos de crambe (Crambe abyssinica Hoechst) da cv. FMS Brilhante e sementes de nabo forrageiro (Raphanus sativus L.) da cv. CATI AL 1000. Para determinação das propriedades físicas do nabo forrageiro, a secagem será realizada em estufa com circulação de ar forçada mantida nas temperaturas controladas de 40, 60 e 80 ºC até o teor de água de 0,08 (decimal b.s.), obtendo-se a massa específica aparente e unitária, contração volumétrica da massa e porosidade intergranular. Para os testes de compressão os frutos de crambe e sementes de nabo forrageiro serão submetidos à compressão uniaxial, entre duas placas paralelas em uma máquina de ensaio u.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Osvaldo Resende - Coordenador / Lílian Moreira Costa - Integrante / Renan Ullmann - Integrante / CAMPOS,Rafael Cândido - Integrante / Tarcísio Honório Chaves - Integrante / DONADON, JULIANA RODRIGUES - Integrante / Kelly Aparecida de Sousa - Integrante / Douglas Nascimento Gonçalves - Integrante / Jaqueline Fereira Vieira Bessa - Integrante / Ednalva Patrícia de Andrade - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2012 - Atual
ESTUDO DA SECAGEM DAS FOLHAS DE Aristolochia cymbifera Mart. e Zucc. E AVALIAÇÃO DA QUALIDDADE DO ÓLEO ESSENCIAL
Descrição: O presente trabalho está sendo desenvolvido no IFGoiano-Campus Rio Verde, com os objetivos avaliar o efeito das condições de secagem no teor e na composição química do óleo essencial de A. cymbifera Mart. e Zucc, bem como estudar a cinética de secagem do processo de secagem das plantas. A secagem será realizada em secador de camada e a extração do óleo essencial será realizada por hidrodestilação.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Mário César Guerreiro - Integrante / RESENDE, OSVALDO - Coordenador / Daniel Emanuel Cabral de Oliveira - Integrante / André Luís Montes - Integrante.
2012 - Atual
Estudo do pré-processamento de nabo forrageiro e girassol.

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Osvaldo Resende em 22/11/2013.
Descrição: Este trabalho será desenvolvido com os seguintes objetivos: - verificar a influência de diferentes teores de água dos grãos de nabo forrageiro e o girassol na qualidade durante o armazenamento; -verificar a influência de diferentes teores de água de nabo forrageiro e o girassol na qualidade do óleo extraído; - determinar e analisar as propriedades físicas do nabo forrageiro e o girassol ao longo da redução do teor de água em diferentes temperaturas de secagem; - verificar a influência do teor de água dos grãos de nabo forrageiro e o girassol nos valores da força máxima de compressão para deformações fixas e determinar o módulo proporcional de deformidade dos grãos submetidos à compressão em diferentes posições; - determinar a força de ruptura necessária para o rompimento do tegumento dos grãos de nabo forrageiro e girassol; - determinação do equilíbrio higroscópico dos grãos de girassol...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2014
Caracterização da estrutura fitossociológica e comportamento fenológico, germinação e produção de mudas de espécies frutíferas nativas do bioma cerrado no estado de Goiás
Descrição: A presente proposta tem por objetivos analisar a estrutura fitossociológica das espécies Guapeva (Pouteria gardneriana), Cajú-de-árvore-do-cerrado (Anacardium othonianum), Murici (Byrsonima verbascifolia), Mangaba (Hancornia speciosa) e Cagaita (Eugenia dysenterica) em diferentes remanescentes do bioma Cerrado no Estado de Goiás, caracterizando os parâmetros das estruturas horizontal, distribuições de diâmetro e distribuição espacial das espécies; Gerar informações para futuros trabalhos com essas espécies, como plantio de mudas em solos degradados com número de indivíduos e distribuição espacial semelhante à sua ocorrência natural; Caracterizar o comportamento fenológico vegetativo e reprodutivo das espécies mencionadas acima, contribuindo com informações sobre o período apropriado para a coleta de frutos que serão utilizados na produção de mudas das mesmas; Contribuir aos conhecimentos biológicos das espécies e as aplicações tecnológicas, utilizando técnicas descritivas e ilustrativas dos caracteres morfológicos externos; estrutura organizacional dos tecidos e identificação das substâncias de reserva e impregnações por meio de testes histoquímicos nas sementes, plântulas e plantas jovens; Estudar a quebra de dormência, armazenamento e curva de secagem das sementes das espécies Pequi (Caryocar brasiliense Camb.) e Baru (Dipteryx alata Vog.); Avaliar o armazenamento em ambientes com diferentes temperaturas; Estudar a tolerância a dessecação das sementes de Tucumã-de-Goiás (Astrocaryum huaimi Mart.), Pequi (Caryocar brasiliense Camb.) e Baru (Dipteryx alata Vog.); Estudar a higroscopicidade das sementes destas espécies; Capacitar profissionais da região do cerrado para atuarem como multiplicadores de conhecimento por meio da formação de docentes e pesquisadores; Avaliar a resposta individual de mudas via sementes e miniestacas micropropagadas em diferentes substratos de cada espécie em estudo; Desenvolver metodologia de produção de mudas de qualidade suficiente para.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2014
ESTUDO DO PRÉ-PROCESSAMENTO DOS FRUTOS DE CRAMBE.
Descrição: Este trabalho tem por objetivo estudar as etapas de pré-processamento dos frutos de crambe e avaliar da qualidade do produto. Frutos com aproximadamente 0,38 serão secos em estufa de ventilação forçada em diversas temperaturas controladas 35, 45, 60, 75 e 90 C e posteriormente serão ajustados diferentes modelos matemáticos aos valores experimentais da secagem em função do teor de água. Após o processo de secagem os frutos serão armazenados em temperatura ambiente por um período e doze meses serão feitos testes da qualidade dos frutos do crambe por meio de análises de condutividade elétrica, porcentagem de germinação e índice de velocidade de germinação (IVG). Será verificada a influência da secagem nas propriedades físicas dos frutos de crambe ao longo da redução do teor de água, serão utilizados frutos co teor de água a 0,36 será submetido à secagem em estufa com ventilação de ar forçada em três condições de temperatura: 40, 60 e 80 ºC. Durante a secagem, para cada teor de água obtido (0,36; 0,31; 0,26; 0,21; 0,17; 0,13 e 0,09 decimal b.s.) serão determinadas as propriedades físicas (massas específicas aparente e unitária, contração volumétrica da massa e porosidade). Será determinado o teor de água equilíbrio em diversas condições de temperatura (25 a 40 C) e umidade relativa do ar (0,2 a 0,80), bem como ajustar o melhor modelo matemático que representa esse fenômeno. Avaliar os valores da força máxima de compressão para deformações fixas e determinar o módulo proporcional de deformidade dos frutos submetidos à compressão em diferentes posições, determinando a força de ruptura necessária para a extração do pericarpo dos frutos. Além disso, serão avaliadas as estratégias de controle e manejo da aeração do crambe em protótipos de silos metálicos operados por meio de um gerenciador automático..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Osvaldo Resende - Integrante / DONADON, JULIANA RODRIGUES - Integrante / Marcos Antônio Borges de Melo - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2011 - 2013
Estratégias de controle do processo de aeração de grãos em Rio Verde - GO
Descrição: A aeração é a técnica mais empregada para diminuir gradientes de temperatura na massa de grãos e, consequentemente, minimizar a migração de umidade. Assim, objetiva-se neste trabalho avaliar duas estratégias de controle e manejo da aeração em protótipos de silos metálicos instalados no município de Rio Verde-GO, bem como avaliar a qualidade de grãos sem aeração. As estratégias de controle de aeração terão como parâmetros de controle a temperatura e umidade relativa do ar ambiente, operada por um gerenciador automático. Serão utilizados grãos de soja (Glycine max (L.) MERRILL) e milho (Zea mays L.), com teor de água inicial de 12% b.u., armazenados em silos metálicos experimentais, com capacidade de aproximadamente 440 kg por silo, assistido por sistema de aeração e termometria. Para a caracterização da qualidade do produto durante o armazenamento, serão retiradas amostras de 1 kg em cada célula, a cada 30 dias, sendo avaliadas quanto ao teor de água, grau de infestação por insetos, massa específica aparente, condutividade elétrica, germinação e absorção de água. Também será analisado o gasto de energia para o resfriamento da massa de grãos. O experimento será montado em delineamento inteiramente casualizado no esquema de parcelas subdivididas (3x5), tendo nas parcelas as condições e estratégias de aeração (aerações controladas automaticamente, para redução e uniformização da temperatura da massa de grãos, aplicadas quando a temperatura ambiente for igual ou menor que 20 ºC e 22 ºC em conjunto com umidade relativa 40 < UR > 90%, utilizando-se um gerenciador automático de aeração de grãos e sem aeração) e nas subparcelas o tempo de armazenamento (0, 1, 2, 3 e 4), em 4 repetições. Os dados serão analisados por meio de análise de variância, sendo as médias comparadas utilizando-se o teste de Tukey, adotando-se o nível de 5% de significância.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2013
Interações sócioeconômicas no sistema soja e prejuízos causados por Euschistus heros (Hemiptera: Pentatomidae)
Descrição: Os percevejos sugadores mais abundantes do cultivo da soja são Euschistus heros (Fabricius). Tais percevejos ocorrem na cultura da soja desde a fase vegetativa e são prejudiciais a partir do início da formação das vagens até a maturação dos grãos. Atingem as sementes através da introdução do aparelho bucal nos legumes, tornando-as chochas e enrugadas, afetando, consequentemente, a produção e a qualidade dos grãos e consequentemente podem tornar a soja susceptível à doenças fúngicas e causar distúrbios fisiológicos, como a retenção foliar da soja. Este trabalho pesquisou o comprometimento dos danos ocasionados pelo percevejo-marrom na cultura da soja e nos prejuízos sócioeconômicos ocasionados..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / simome Borges Ferreira - Integrante.
2010 - 2013
HIGROSCOPICIDADE, SECAGEM E ARMAZENAGEM DAS SEMENTES DE CRAMBE (Crambe abyssinica) E AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DO ÓLEO.
Descrição: O presente trabalho está sendo desenvolvido com os objetivos estudar a higroscopicidade e os processos de secagem e armazenagem das sementes do crambe, para diversas condições de ar, bem como avaliar a qualidade das sementes e do óleo. O experimento será realizado no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano - Campus Rio Verde (IFGoiano-Campus Rio Verde). Serão utilizadas sementes de crambe, cultivadas na área experimental do IFGoiano-Campus Rio Verde e colhidas manualmente com teor de água de 30% (b.s.). A secagem será realizada em secador experimental mantido nas temperaturas controladas de 30, 40, 50, 60 e 70 °C até o teor de água de 0,08 (decimal b.s.). Aos dados experimentais da secagem serão ajustados os modelos matemáticos freqüentemente utilizados para representação da secagem de produtos agrícolas. O coeficiente de difusão será obtido por meio do ajuste do modelo matemático da difusão líquida aos dados experimentais e a influência da temperatura no coeficiente de difusão será verificada pela expressão de Arrhenius. O efeito da temperatura de secagem na qualidade dos grãos será avaliado pelas análises de absorção de água, germinação e condutividade elétrica. A qualidade do óleo extraído das sementes de crambe será analisada pela determinação do índice de peróxidos e do teor de ácidos graxos livres. Para o ajuste dos modelos matemáticos será realizada a análise de regressão não linear, pelo método Gauss Newton, utilizando-se o programa STATISTICA 7.0®. O teor de água de equilíbrio higroscópico será obtido pelo método dinâmico-gravimétrico. A dessorção dos grãos será realizada para diferentes condições controladas de temperatura (30, 35, 40 e 45°C) e umidade relativa do ar de secagem (entre 0,2 a 0,8) até que o produto atinja seu teor de água de equilíbrio. As condições ambientais serão fornecidas por meio de uma câmara condicionadora de atmosfera. O calor isostérico líquido de dessorção será obtido para cada teor de água de equilíbrio. Para a.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / José Milton Alves - Integrante / Osvaldo Resende - Coordenador / Lílian Moreira Costa - Integrante / Tarcísio Honório Chaves - Integrante / SOUZA,K.A. - Integrante / GONÇALVES, D.N - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2010 - 2013
Avaliação na Germinação, Armazenamento e estruturas internas de gramíneas do gênero brachiaria e panicum e leguminosas do genero Arachis e Stilosanthes oriundos de sementes com alta pureza, escarificada, peletizada, incrustada e fiscalizada.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2013
Avaliação do teor e Composição de óleos essenciais de espécies nativas dos cerrados em função da sazonalidade, horário de coleta e variação geográfica
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2013
DETERMINAÇÃO DE FATORES LIMITANTES AO DESENVOLVIMENTO DE TÉCNICAS DE PROPAGAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DO CRESCIMENTO EM CAMPO DE ESPÉCIES FRUTÍFERAS NATIVAS DO CERRADO GOIANO
Descrição: Esta proposta visa o desenvolvimento de sistemas de produção de mudas de espécies frutíferas nativas do cerrado, via micropropagação, bem como conhecer o desenvolvimento destas em ambientes cultivados. Em parceria com o Centro Tecnológico da Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano (COMIGO), o Laboratório de Cultura de Tecidos Vegetais do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano-Campus Rio Verde está estudando in vitro as espécies Guapeva (Pouteria gardneriana Radlk), Caju-de-arvore-do-cerrado (Anacardium othonianum Rizz), Murici (Byrsonima verbascifolia Rich), Croada (Mouriri elliptica Mart) e Cagaita (Eugenia dysenterica DC). Para o acompanhamento do crescimento em condições de campo, além das espécies citadas acima, as espécies Quina (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.), Macaúba (Acrocomia aculeata), Babaçu (Orbignya phalerata), Tucumã-de-Goiás (Astrocaryum huaimi Mart.), Guariroba (Syagrus oleracea Becc), Pequi (Caryocar brasiliense Camb.), Gabiroba (Campomanesia cambessedeana Berg.), Caju-rasteiro (Anacardium pumilum Walp.), Cajuzinho-do-Cerrado (Anacardium humile St. Hil.), Croada (Mouriri elliptica MART); e Mama-cadela (Brosimum gaudichaudii Tréc.)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Aurélio Rúbio Neto - Integrante / FLÁVIA DIONÍSIO PEREIRA - Integrante / Carlos Cesar Evangelista de Menezes - Coordenador / José Waldemar da Silva - Integrante / Luciana Cristina Vitorino - Integrante / Victor Alves Ribeiro - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.
2009 - 2010
Metodologia para avaliação das características fotossintéticas in vitro de plântulas do cerrado submetidas a diferentes irradiâncias
Descrição: Estudar as variações nas características fotossintéticas de plântulas in vitro de Cajú-de-árvore-do-cerrado (Anacardium othonianum) e de Quina (Strychnos pseudoquina) cultivadas sob diferentes irradiâncias mediante avaliação das trocas gasosas in vitro, e da fluorescência da clorofila das folhas. Ajustar a metodologia para avaliação das trocas gasosas e da fluorescência da clorofila de plântulas in vitro, por meio da utilização de um analisador de gases no infravermelho (IRGA) e um fluorômetro modulado...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Alan Carlos Costa - Coordenador / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Wainer Gomes Gonçalves - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2009 - Atual
ESTUDO DO POTENCIAL DO CRAMBE (Crambe abyssinica) E DO NABO FORRAGEIRO (Raphanus sativus L.) PARA BIOCOMBUSTÍVEIS: CARACTERIZAÇÃO FITOTÉCNICA, FISIOLÓGICA E QUALIDADE DAS SEMENTES E DO ÓLEO.
Descrição: Considerando o potencial de utilização do crambe e do nabo forrageiro para produção de biocombustíveis, a importância do estudo da fisiologia, formas de cultivo, processos de secagem e armazenamento dos produtos utilizados para a produção de óleo e a escassez de informações a respeito das culturas do crambe e do nabo forrageiro, o presente trabalho será desenvolvido com o objetivo central de estudar o potencial do crambe (Crambe abyssinica) e do nabo forrageiro (Raphanus sativus L.) para a produção de biocombustíveis, testando diversas formas de manejo para condução da cultura, bem como caracterizar a fisiologia e a anatomia destas plantas e avaliar a qualidade das sementes e do óleo durante a secagem e o armazenamento das sementes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2009 - Atual
Consolidação da infraestrutura de pesquisa em pós-graduação do Instituto Federal Goiano. EDITAL/ MCT/FINEP/CT-INFRA-PROINFRA-01/2009
Descrição: O projeto objetiva dotar o Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias do Campus Rio Verde do IFGoiano, da estrutura física e de equipamentos fundamentais na consolidação das linhas de pesquisa do program. E ainda, contribuir para a consolidação da implantação da Central Analítica (CEAN) do Campus Morrinhos do IFGoiano.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2011
Tolerância a dessecação e armazenamento de sementes de palmáceas com potencial para bioenergia
Descrição: Esta pesquisa é apresenta financiamento pela CNPq, Edital Universal, MCT/CNPq 14/2018. A presente proposta visa desenvolver tecnologias para o armazenamento de quatro espécies de palmáceas que apresentam potencial comprovado para a produção de biocombutíveis: Babaçu (Orbignya phalerata), Macaúba (Acrocomia aculeata) e Tucumã (Astrocaryum aculeata) e Dendê (Elaeis oleifera). Como subprodutos da extração do óleo, os frutos destas espécies apresentam outras inúmeras utilidades, como o fornecimento de matérias primas para a fabricação de produtos alimentícios (licores, tortas, farinhas, etc), tortas que podem ser utilizadas na alimentação animal, e, dos endocarpos totalmente lignificados carvão. Da planta, podem ser extraído sem danos ao vegetal matéria prima para fabricação de artesanatos. Neste trabalho será testado o nível de sensibilidade das sementes à dessecação, onde estas serão submetidas à secagem lenta e rápida. Será então efetuado o controle de perda de peso procurando-se reduzir o teor de água das sementes a 30, 20 e 10% de umidade, a partir das sementes não desidratadas (umidade de colheita). A partir destes resultados será estudado armazenamento, onde estas serão submetidas ao armazenamento por 0, 4, 8 e 12 meses, combinados com dois teores de águas, os melhores verificados no experimento anterior, em diferentes ambientes (temperatura ambiente de laboratório e a 18 ºC em BOD). Serão avaliadas as características de porcentagem de emergência de plântulas normais, índice de velocidade de emergência e condutividade elétrica. Com os conhecimentos desta pesquisa espera-se contribuir para tornar possível a manutenção da viabilidade de sementes armazenadas com vistas à produção comercial de mudas para implantação de lavouras e reflorestamento...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / João Almir de Oliveira - Integrante / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Osvaldo Resende - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2011
SECAGEM DO CRAMBE (Crambe abyssinica) E DO NABO FORRAGEIRO (Raphanus sativus L.) E AVALIAÇÃO DA QUALIDADE DAS SEMENTES E DO ÓLEO
Descrição: As fontes de energia advindas de combustíveis de origem fóssil são limitadas e, portanto, a busca por fontes alternativas torna-se extremamente relevante. A produção de biocombustíveis, ou seja, combustíveis obtidos a partir de matéria-prima de origem vegetal, como por exemplo, os óleos vegetais extraídos das oleaginosas vêm crescendo no Brasil. Diversas plantas estão sendo estudadas com objetivo de fornecimento de óleo para produção de biocombustíveis. Dentre estas, o crambe e o nabo forrageiro surgem como potenciais matérias-primas para a obtenção de biocombustíveis. No entanto, na literatura especializada, existe carência de informações a respeito das alterações que podem ocorrer nas características das sementes do crambe e do nabo forrageiro ao longo do processamento pós-colheita, assim como na qualidade do óleo extraído destas espécies durante a secagem. Portanto, torna-se relevante à execução de trabalhos referentes ao assunto, que possam gerar informações teóricas e práticas para melhorar a conservação pós-colheita destes produtos. Neste contexto, o presente trabalho será desenvolvido com os objetivos de estudar e modelar o processo de secagem do crambe (Crambe abyssinica) e do nabo forrageiro (Raphanus sativus L.), para diversas condições de ar, bem como avaliar a qualidade das sementes e do óleo. O experimento será realizado no Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde (CEFET-RV), Rio Verde ? GO. Serão utilizadas sementes de crambe e nabo forrageiro, cultivadas na área experimental do CEFET-RV e colhidas manualmente com teor de água de 0,25 (decimal b.s.). A secagem será realizada em secador experimental mantido nas temperaturas controladas de 30, 40, 50, 60 e 70 C até o teor de água de 0,09 e 0,08 (decimal b.s.) para o crambe e o nabo forrageiro, respectivamente. Aos dados experimentais da secagem do crambe e do nabo forrageiro serão ajustados os modelos matemáticos freqüentemente utilizados para representação da secagem de produtos agrícolas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2011
Estudo da secagem, hidratação e higroscopicidade do feijão adzuki (Vigna angularis) e avaliação da sua qualidade durante o armazenamento
Descrição: O feijão é cultivado em quase todos os países de clima tropical e subtropical, sendo de suma importância na alimentação humana. Cultivos preliminares do feijão adzuki realizados na região do Sudoeste do estado de Goiás, identificaram o seu potencial de produção e disseminação entre os produtores, sendo uma alternativa para amenizar as oscilações de preço do produto. Este feijão destaca-se comparativamente às demais espécies pela resistência a doenças, elevada produtividade, baixo custo de produção e adaptabilidade às variações climáticas. Na literatura, existe carência de informações a respeito das alterações que podem ocorrer no feijão adzuki durante a secagem, hidratação e o armazenamento. Desta forma, torna-se relevante a execução de trabalhos referentes ao assunto, que possam gerar informações teóricas e práticas para a melhor conservação do produto. Neste contexto, o presente trabalho será desenvolvido com os objetivos de estudar os processos de secagem, hidratação e higroscopicidade do feijão adzuki (Vigna angularis), bem como promover a avaliação da qualidade fisiológica e tecnológica do produto durante o armazenamento. O experimento será realizado no Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde (CEFET-RV), Rio Verde - GO. Serão utilizados grãos de feijão adzuki (Vigna angularis), cultivados na área experimental do CEFET-RV, colhidos manualmente, com teor de água em torno de 0,40 (decimal b.s.). A secagem será realizada em secador experimental mantido nas temperaturas controladas de 30, 40, 50, 60 e 70 C até o teor de água de 0,13 (decimal b.s.). O efeito da temperatura de secagem na qualidade dos grãos será avaliado pelas análises de absorção de água, tempo de cocção, germinação, envelhecimento acelerado e condutividade elétrica. Para as análises de hidratação, o feijão será submetido a embebição em água destilada nas temperaturas de 10, 20, 30 e 40 C. Durante este processo será analisada a variação da forma e do tamanho de grãos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Osvaldo Resende - Coordenador / Paulo Cesar Correa - Integrante / Ivano Alessandro Devilla - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2011
Estudo da secagem do pinhão manso (Jatropha curcas L.) e do crambe (Crambe abyssinica ) e avaliação da qualidade das sementes e do óleo durante o armazenamento
Descrição: As fontes de energia advindas de combustíveis de origem fóssil são limitadas e, portanto, a busca por fontes alternativas torna-se extremamente relevante. A produção de biocombustíveis, ou seja, combustíveis obtidos a partir de matéria-prima de origem vegetal, como por exemplo, os óleos vegetais extraídos das oleaginosas vêm crescendo no Brasil. Diversas plantas estão sendo estudadas com objetivo de fornecimento de óleo para produção de biocombustíveis. Dentre estas, o pinhão manso e o crambe surgem como potenciais matérias-primas para a obtenção de biocombustíveis. Entretanto, na literatura especializada, existe carência de informações a respeito das alterações que podem ocorrer nas características das sementes do pinhão manso e do crambe durante a secagem e o armazenamento, assim como na qualidade do óleo extraído destas espécies. Portanto, torna-se relevante à execução de trabalhos referentes ao assunto, que possam gerar informações teóricas e práticas para melhorar a conservação pós-colheita destes produtos. Neste contexto, o presente trabalho será desenvolvido com os objetivos de estudar a secagem do pinhão manso (Jatropha curcas L.) e do crambe (Crambe abyssinica) em diversas condições de ar, bem como avaliar a qualidade das sementes e do óleo durante o armazenamento. O experimento será realizado no Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde (CEFET-RV), Rio Verde - GO. Serão utilizadas sementes de pinhão manso (Jatropha curcas L.) e de crambe (Crambe abyssinica), cultivadas na área experimental do CEFET-RV e colhidas manualmente com teor de água de 0,30 e 0,25 (decimal b.s.), respectivamente. A secagem será realizada em secador experimental mantido nas temperaturas controladas de 30, 40, 50, 60 e 70 C até o teor de água de 0,08 (decimal b.s.) para o pinhão manso e 0,10 (decimal b.s.) para o crambe. O efeito da temperatura de secagem na qualidade dos grãos será avaliado pelas análises de absorção de água, germinação e condutividade elétrica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / José Milton Alves - Integrante / Osvaldo Resende - Coordenador / Carlos Frederico de Souza Castro - Integrante / Ivano Alessandro Devilla - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2011
Estudo da cinética da secagem do feijão adzuki (Vigna angularis) e dos efeitos da temperatura na qualidade dos grãos
Descrição: O feijão é cultivado em quase todos os países de clima tropical e subtropical e assume enorme importância na alimentação humana, fundamentalmente, devido ao seu baixo custo. O gênero Vigna compreende cerca de 160 espécies das quais somente sete são cultivadas. Dentre estas, o feijão adzuki (Vigna angularis) é produzido, principalmente, na Ásia (VIEIRA et al., 1992), sendo consumido principalmente na China, Japão e Coréia. No Brasil ainda não há estatísticas precisas de produtores, produção ou área cultivada com esse tipo de feijão, que é consumido principalmente nas colônias japonesas, sobretudo na forma de doces e inúmeras iguarias orientais. Na fase de pós-colheita do feijão, a secagem é o processo mais utilizado para assegurar sua qualidade e estabilidade considerando que a diminuição da quantidade de água do material reduz a atividade biológica e as mudanças químicas e físicas que ocorrem durante o armazenamento. No entanto, durante a secagem em condições de temperatura e umidade relativa do ar que geram elevadas taxas de remoção de água, podem afetar substancialmente a qualidade dos grãos. No desenvolvimento e aperfeiçoamento de equipamentos utilizados para a secagem de grãos, é de fundamental importância à simulação e a obtenção de informações teóricas a respeito do comportamento de cada produto durante a remoção de água. Estas características variam com a espécie, variedade, condições ambientais, métodos de preparo pós-colheita, entre outros fatores. Diversos modelos matemáticos têm sido utilizados para descrever o processo de secagem de produtos agrícolas. Embora várias teorias tenham sido propostas para predizer o comportamento da secagem de grãos e sementes, na maioria das vezes, as relações semi-empíricas e empíricas têm-se mostrado como melhores opções para predizer o processo de secagem, apesar de sua validade estar restrita às condições sob as quais os dados experimentais foram obtidos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Integrante / Osvaldo Resende - Coordenador / Dieimisson Paulo Almeida - Integrante / Lílian Moreira Costa - Integrante / Bruno Botelho Saleh - Integrante.
2008 - 2010
Proteção, Tolerância a dessecação e armazenamento de sementes de Crambe (Crambe Hochst abyssinica) e Nabo Forrageiro (Raphanus sativus L.), espécies com potencial para biocombustíveis
Descrição: Esta pesquisa é financiada pelo CNPq, CT-Ação Transversal, Edital MCT/CNPq, n° 28/2008, Culturas de ciclo curto de desenvolvimento de produção de biodiesel. Tem como objetivo verificar a sensibilidade das sementes à dessecação; estudar o armazenamento das sementes com diferentes teores de umidade; verificar o efeito de substâncias naturais e sintéticas na proteção de sementes durante o armazenamento e verificar o efeito de substâncias naturais e sintéticas na qualidade fisiológica de sementes armazenadas; e verificar o efeito fisiológico de substâncias naturais e sintéticas no desenvolvimento inicial de plantas, nas espécies Crambe (Crambe Hochst abyssinica) e Nabo Forrageiro (Raphanus sativus L.)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / João Almir de Oliveira - Integrante / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Osvaldo Resende - Integrante / Márcio Fernandes Peixoto - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
ESTUDOS DE TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO DE SEMENTES DE CAJÚ-DE ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum), QUINA (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.) E MURICI (Birsonima verbascifolia), FRUTÍFERAS E MEDICINAIS NATIVAS DOS CERRADOS
Descrição: Esta pesquisa é financiada pelo CNPq, Edital MCT/CNPq nº06/2008, Faixa A. Devido enorme redução da população destas espécies causada pelo avanço das fronteiras agrícolas no cerrado, a dificuldade de propagação por métodos convencionais das referidas espécies e ao fato de inexistirem estudos, foram escolhidas as seguintes espécies: Cajú-de árvore-do-cerrado (Anacardium othonianum), Quina (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.) e Murici (Birsonima verbascifolia), com os objetivos de: 1) Estudar o armazenamento das sementes com diferentes umidades; 2) Determinar as isotermas de sorção das sementes das espécies descritas para diversas condições de temperatura e umidade relativa do ar; 3) Ajustar diferentes modelos matemáticos aos dados experimentais selecionando aquele que melhor representa o fenômeno; 4) Obter os valores do calor isostérico de dessorção para as espécies escolhidas. ..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador / João Almir de Oliveira - Integrante / Fabiano Guimarães Silva - Integrante / Osvaldo Resende - Integrante / Silvia Corrêa Santos - Integrante / Adriene de Cássia Branquinho - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2007 - 2008
Controle de Pragas do Girassol e Soja e Qualidade Fisiológica das Sementes Submetidas a Tratamentos
Descrição: Este projeto teve como objetivo avaliar o uso do tratamento de sementes com inseticidas visando o controle de S. frugiperda, A. gemmatalis, C. arcuata e B. tabaci na fase inicial da cultura de girassol e soja em condições de casa de vegetação e também verificar a influência desses produtos sobre a qualidade fisiológica das sementes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Juliana de Fátima Sales - Coordenador.


Outros Projetos


2010 - Atual
ADEQUAÇÃO DAS INSTALAÇÕES LABORATORIAIS VINCULADAS AO PPG EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS.
Descrição: O projeto objetiva dotar o PPGCA de equipamentos básicos e estratégicos nas linhas de pesquisa do PPGCA..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
2009 - Atual
IMPLANTAÇÃO DE INFRA-ESTRUTURA BÁSICA DE PESQUISA EM BIOCOMBUSTÍVEIS. EDITAL/ MCT/FINEP/CT-INFRA-PROINFRA-01/2008
Descrição: O projeto objetiva dotar o IFGoiano Campus Rio Verde da infraestrutura básica de pesquisa e pós-graduação por meio da construção de um prédio com sete ambientes para implantação de laboratórios de pesquisa e sete gabinetes de professores..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.


Revisor de periódico


2011 - Atual
Periódico: Semina. Ciências Agrárias (Online)
2011 - Atual
Periódico: Global Science and Technology
2012 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Sementes (Impresso)
2011 - Atual
Periódico: Interciencia (Caracas)
2013 - Atual
Periódico: Pesquisa Agropecuária Brasileira (Online)
2016 - Atual
Periódico: Ciência Rural


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Tecnologia de Sementes.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Produção de Mudas.
3.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fisiologia Vegetal.
4.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Morfologia Vegetal.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

SCOPUS

Artigos completos publicados em periódicos

1.
RODRIGUES, A. A.2018RODRIGUES, A. A. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; MULLER, C. ; RODRIGUES, D. A. ; MENDES, G. C. ; REHN, LARISSA SAEKI ; COSTA, A. C. ; VITAL, R. G. ; DE FÁTIMA SALES, JULIANA . Sapindus saponaria bioindicator potential concerning potassium fluoride exposure by simulated rainfall: anatomical and physiological traits. ECOLOGICAL INDICATORS, v. 89, p. 552-558, 2018.

2.
OLIVEIRA, D. E. C.2017OLIVEIRA, D. E. C. ; RESENDE, O. ; Costa, L.M. ; SILVA, G.P. ; SALES, JULIANA DE F. . Hygroscopicity of ?sucupira-branca? (Pterodon emarginatus Vogel) fruits. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental (Online), v. 21, p. 285-289, 2017.

3.
ALVES, B. A.2017ALVES, B. A. ; MEDEIROS,L.T ; SALES, Juliana de Fátima ; BRANQUINHO, A. C. ; Silva, J.W ; SOUZA, R. G. . GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE FORRAGEIRAS DO GÊNERO BRACHIARIA EM FUNÇÃO DOS AMBIENTES E TEMPOS DE ARMAZENAMENTO. GLOBAL SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 10, p. 11-19, 2017.

4.
GAZOLLA, ANA PAULA2017GAZOLLA, ANA PAULA ; CURADO, FLÁVIA MARIA LÍGIA MARANGONI JORDÃO ; PEDROSO, RITA CÁSSIA NASCIMENTO ; FILHO, LUIS CLAUDIO KELLNER ; SALES, Juliana de Fátima ; ROSA, MÁRCIO ; COSTA, ALAN CARLOS ; PAULETTI, PATRICIA MENDONÇA ; JANUÁRIO, ANA HELENA ; SILVA, Fabiano Guimarães . The influence of light quality on phenolic acid and biflavonoid production in Anacardium othonianum Rizz. seedlings grown in vitro. AUSTRALIAN JOURNAL OF CROP SCIENCE (ONLINE), v. 11, p. 528-534, 2017.

5.
RODRIGUES, ARTHUR ALMEIDA2017RODRIGUES, ARTHUR ALMEIDA ; VASCONCELOS-FILHO, SEBASTIÃO CARVALHO ; RODRIGUES, CÁSSIA LINO ; RODRIGUES, DOUGLAS ALMEIDA ; SILVA, GLICÉLIA PEREIRA ; DE FÁTIMA SALES, JULIANA ; NASCIMENTO, KELLY JULIANE TELLES ; TELES, EDUARDO MATHEUS GUIMARÃES ; REHN, LARISSA SAEKI . Aluminum influence on Hancornia speciosa seedling emergence, nutrient accumulation, growth and root anatomy. FLORA, v. 236-237, p. 9-14, 2017.

6.
ASSIS, E.S.2017ASSIS, E.S. ; SILVA, F.G. ; LEITE, M.S. ; NETO, A.R. ; FILHO, S.C.V. ; ZUCHI, J. ; SALES, J.F. . Effect of extraction following different drying times on the viability of Byrsonima verbascifolia seeds. SEED SCIENCE AND TECHNOLOGY, v. 45, p. 1-10, 2017.

7.
TAVARES, C. J.2016TAVARES, C. J. ; FERREIRA, P. C ; JAKELAITIS, A.J. ; SALES, J. F. ; Resende, O. . Qualidade fisiológica e sanitária de sementes de feijão-azuki dessecadas e armazenadas. Revista Caatinga (Online), v. 29, p. 66-75, 2016.

8.
MARTINS, DEBORAH AMORIM2016MARTINS, DEBORAH AMORIM ; JAKELAITIS, ADRIANO ; CARDOSO, ISABELLA SICHIERSKI ; COSTA, ALAN CARLOS ; SALES, Juliana de Fátima . Growth and physiological characteristics of the weed false johnsongrass ( Sorghum arundinaceum (Desv.) Stapf). Revista Ceres (Online), v. 63, p. 16-24, 2016.

9.
BARBOSA, KARINE F.2016BARBOSA, KARINE F. ; SALES, JULIANA DE F. ; RESENDE, OSVALDO ; OLIVEIRA, DANIEL E. C. DE ; ZUCHI, JACSON ; SOUSA, KELLY A. DE . Desorption isotherms and isosteric heat of 'cajuzinho-do-cerrado' achenes. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental (Online), v. 20, p. 481-486, 2016.

10.
VIRGOLINO, ZIRVALDO Z.2016VIRGOLINO, ZIRVALDO Z. ; RESENDE, OSVALDO ; GONÇALVES, DOUGLAS N. ; MARÇAL, KAIQUE A. F. ; SALES, JULIANA DE F. . Physiological quality of soybean seeds artificially cooled and stored in different packages. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental (Online), v. 20, p. 473-480, 2016.

11.
FREITAS, N. F.2016FREITAS, N. F. ; MEDEIROS,L.T ; JULIANA, DE FÁTIMA SALES ; VASCONCELOS FILHO, SEBASTIÃO CARVALHO ; RODRIGUES, A. A. ; RODRIGUES, D. A. . Agronomic chemical and anatomical characteirestics of peanut forage submited to levels of shade. Australian Journal of Basic and Applied Sciences, v. 10, p. 97-105, 2016.

12.
CURADO, F. M. L. M. J.2016CURADO, F. M. L. M. J. ; GAZOLLA, A. P. ; PEDROSO, R. C. N. ; PIMENTA, L. P. ; OLIVEIRA, P. F. ; TAVARES, D. C. ; SILVA, M. L. A. E. ; CUNHA, W. R. ; PIETRO, R. C. L. R. ; JANUARIO, A. H. ; PAULETTI, P. M. ; JULIANA, DE FÁTIMA SALES ; SILVA, F. G. . Antifungal and cytotoxicity activities of Anacardium othonianum extract. Journal of Medicinal Plant Research, v. 10, p. 450-456, 2016.

13.
ZUCHI, J.2016ZUCHI, J. ; CAMELO, G. N. ; SOUZA, M. M. V. ; SANTANA, J. ; SALES, Juliana de Fátima . EMERGÊNCIA E CRESCIMENTO DE MUDAS DE BARU SEGUNDO O TAMANHO DA SEMENTE. Multi-Science Journal, v. 1, p. 52-56, 2016.

14.
RODRIGUES, A A2016RODRIGUES, A A ; VASCONCELOS, FILHO S C ; RODRIGUES, D A ; RODRIGUES, C L ; SALES, J F ; VITAL, R G . Influence of aluminum on root growth and of anatomy Stenocalyx dysentericus (DC.) O. Berg. African Journal of Biotechnology, v. 15, p. 1193-1200, 2016.

15.
JAKELAITIS, A.J.2016JAKELAITIS, A.J. ; MARTINS, DEBORAH AMORIM ; SILVA, L. A. ; SALES, Juliana de Fátima . BIOMETRIA, EMBEBIÇÃO E TRATAMENTOS PRÉ-GERMINATIVOS EM SEMENTES DE CAPIM FALSO-MASSAMBARÁ. Cultura Agronômica, v. 25, p. 187-198, 2016.

16.
ZUCHI, J.2016ZUCHI, J. ; CAMELO, G. N. ; SILVA, G.P. ; GAVAZZA, M. I. A. ; SALES, Juliana de Fátima . TESTES E MÉTODOS PARA AVALIAÇÃO DO POTENCIAL FISIOLÓGICO DE SEMENTES DE BARU. Global Science and Technology, v. 09, p. 31-38, 2016.

17.
SILVA, L. A.2015SILVA, L. A. ; SALES, Juliana de Fátima ; OLIVEIRA, J. A. ; Von Pinho, E. V. R. ; SANTOS, H. O. ; SOARES, M.A. . -Desiccation tolerance of Rhamnidium elaeocarpum Reissek (Rhamnaceae) seeds. Acta Scientiarum. Agronomy (Online), v. 37, p. 181-189, 2015.

18.
SILVA, FABIANO GUIMARAES2015SILVA, FABIANO GUIMARAES ; DE OLIVEIRA L., HENRIQUE ANTONIO ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; RIBEIRO, NATHALIA LOPES ; FREITAS E SOUZA, JESSICA LEAL DE ; PEREIRA, PAULO S. . Content and chemical composition of the essential oil from Byrsonima verbascifolia Rich. ex a. Juss. collected in different seasons and times of day. Journal of Medicinal Plant Research, v. 9, p. 412-418, 2015.

19.
ALEXANDRE, E. C. F.2015ALEXANDRE, E. C. F. ; SILVEIRA, E. V. ; Castro, C. F. S. ; SALES, Juliana de Fátima ; OLIVEIRA, L. C. S. ; VIANA, L. H. ; BARBOSA, L. C. A. . Synthesis, characterization and study of the thermal behavior of methylic and ethylic biodiesel produced from tucumã (Astrocaryum huaimi Mart.) seed oil. Fuel (Guildford), v. 161, p. 233-238, 2015.

20.
SILVA, LÍLIAN ABADIA DA2015SILVA, LÍLIAN ABADIA DA ; SALES, Juliana de Fátima ; GUIMARÃES, RENATO MENDES ; OLIVEIRA, JOÃO ALMIR ; VASCONCELOS FILHO, SEBASTIÃO CARVALHO . Morphological aspects of fruits, seeds and seedlings of Rhamnidium elaeocarpum Reissek. Semina. Ciências Agrárias (Impresso), v. 36, p. 1179-1190, 2015.

21.
MONTES, A. L.2015MONTES, A. L. ; OLIVEIRA, D. E. C. ; Resende, O. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. . Effect of the speed of the drying air on the quality of essential oil from Aristolochia cymbifera Mart. and Zucc.. Journal of Medicinal Plant Research, v. 9, p. 806-8012, 2015.

22.
BARBOSA, K.F2015BARBOSA, K.F ; CABRAL, A. L. ; SALES, Juliana de Fátima ; VIEIRA, L. M. B. ; LOPES FILHO, L. C. ; ZUCHI, J. ; AMBROSIO, H. S. F. . Germinação de sementes de Tecoma stans sob diferentes temperaturas e disposição no substrato. REVISTA CIENTÍFIC@, v. 2°, p. 1, 2015.

23.
RUBIO NETO, A.2015RUBIO NETO, A. ; OLIVEIRA, J. C. ; FREITAS, B. S. M. ; LIMA, L. R. ; SOUZA, J. L. F. ; SALES, J. F. . Desiccation tolerance of embryos of Syagrus oleraceae, a cerrado native bitter palm heart. African Journal of Biotechnology, v. 14, p. 922-929, 2015.

24.
RUBIO NETO, A.2015RUBIO NETO, A. ; SILVA, Fabiano Guimarães ; SALES, J. F. ; PIRES, L. L. ; FREITAS, B. S. M. ; SOUZA, A. L. . Effects of drying temperature on viability of macaw palm (Acrocomia aculeata) zygotic embryos. African Journal of Biotechnology, v. 14, p. 319-326, 2015.

25.
TAVARES, C. J.2015TAVARES, C. J. ; ARAUJO, A. C. F. ; JAKELAITIS, A. ; RESENDE, O. ; SALES, J. F. ; FREITAS, M. A. M. . Qualidade de sementes de feijão-azuki dessecadas com saflufenacil e submetidas ao armazenamento. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental (Online), v. 19, p. 1197-1202, 2015.

26.
BARBOSA, K.F2015BARBOSA, K.F ; CABRAL, A. L. ; ZUCHI, J. ; VIEIRA, L. M. B. ; JULIANA, DE FATIMA SALES ; LOPES FILHO, L. C. ; AMBROSIO, H. . GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE Tecoma stans SOB DIFERENTES TEMPERATURAS E DISPOSIÇÃO NO SUBSTRATO.. REVISTA CIENTÍFIC@, v. 2, p. 109, 2015.

27.
Neto, A. R.2015Neto, A. R. ; OLIVEIRA, J. C. ; FREITAS, B. S. M. ; LIMA, L. R. ; SOUZA, J. L. F. E. ; SALES, J. F. . Desiccation Tolerance of Embryos of Syagrus oleracea, a Cerrado Native Bitter Palm Heart.. African Journal of Biotechnology, v. 14, p. 922-929, 2015.

28.
Souza, A.L2014Souza, A.L ; SALES, J. F. ; CAMPOS,R.C ; RUBIO NETO, A. ; SILVA, F. G. . Superação da dormência de sementes de Tucum (Astrocaryum huaimi Mart.). Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 35, p. 749-758, 2014.

29.
RUBIO NETO, A.2014RUBIO NETO, A. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; REIS, E. F. ; Silva, L.Q. ; CAMPOS,R.C . Dormancy breaking in macaw palm [Acrocomia aculeata (Jacq.) Loddiges ex Mart.] seeds. Acta Scientiarum. Agronomy (Impresso), v. 36, p. 43-50-50, 2014.

30.
BATISTA, P. F.2014BATISTA, P. F. ; COSTA, A. C. ; MEGGUER,C. ; LIMA, J. S. ; SALES, Juliana de Fátima . Overcoming dormancy and characterization of germination in Cerrado ?algodãozinho? seeds treated with dimethyl sulphoxide. South African Journal of Botany, v. 92, p. 89-93, 2014.

31.
SILVA, L. A.2014SILVA, L. A. ; SALES, Juliana de Fátima ; OLIVEIRA, J. A. ; SANTOS, H. O. ; LARA, T. S. ; SOARES, M.A. . Physiological and biochemical performance of Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk. seeds harvested at different maturation stages and subjected to drying. African Journal of Agricultural Research, v. 9, p. 1550-1559, 2014.

32.
JUVINO, A. N. K.2014JUVINO, A. N. K. ; RESENDE, OSVALDO ; Costa, L.M. ; SALES, Juliana de Fátima . Vigor da Cultivar BMX Potência RR de soja Durante o Beneficiamento e Períodos de Armazenamento. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental (Online), v. 18, p. 844-850, 2014.

33.
SILVA, G.P.2013 SILVA, G.P. ; RUBIO NETO, A. ; FRANCA, S. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; Resende, O. . INFLUENCE OF THE DRYING TEMPERATURE ON THE EMERGENCE AND VIGOR OF PEQUI SEEDLINGS (Caryocar brasiliense CAMB), AN IMPORTANT SPECIES OF THE BRAZILIAN CERRADO. African Journal of Agricultural Research, v. 8, p. 553-558, 2013.

34.
Cabral, J.S.R.2013Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; BRANQUINHO, A. C. ; OLIVEIRA, R. C. . PHYSIOLOGICAL QUALITY OF GUAPEVA (POUTERIA GARDNERIANA RADLK.) SEEDS DURING STORAGE. Global Science and Technology, v. 06, p. 127-133, 2013.

35.
SILVA, L. A.2013SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; FERREIRA, P. H. C. M. . CRYOPRESERVATION OF ACHENES OF CAJU-DE-ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum Rizz). African Journal of Biotechnology, v. 12, p. 3537-3544, 2013.

36.
VASCONCELOS, J. M.2013VASCONCELOS, J. M. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Anatomical and histochemical characterization os Strychnos Pseudoquina (A. ST. HIL.) Alves. Global Science and Technology, v. 07, p. 121-126, 2013.

37.
MEDEIROS,L.T2013MEDEIROS,L.T ; SALES, J. F. ; SOUZA, R. G. ; ALVES, B. A. ; FREITAS, N. F. . Qualidade fisiológica de sementes de amendoim forrageiro submetidas a diferentes tempos e ambientes de armazenamento. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, v. 14, p. 472-477, 2013.

38.
OLIVEIRA, D. E. C.2013OLIVEIRA, D. E. C. ; MONTES, A. L. ; Resende, O. ; SILVA, F. G. ; Guerreiro, m. ; SALES, J. F. . Content and Chemical Composition of the Essential Oils of Aristolochia Cymbifera Mart and Zuc Extracted from Leaves Submited To Diferent Temperatures. Journal of Medicinal Plant Research, v. 7, p. 1685-1691, 2013.

39.
Neto, A. R.2012Neto, A. R. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; REIS,E.F ; SILVA, M. V. V. ; Souza, A.L . Effect of drying and soaking fruits and seeds on germination of macaw palm (Acrocomia aculeata [Jacq.] Loddiges ex MART.).. Acta Scientiarum. Agronomy (Online), v. 34, p. 1559-1566, 2012.

40.
Costa, L.M.2012Costa, L.M. ; Resende, O. ; GONÇALVES,D.N ; SOUSA, KELLY APARECIDA ; SALES, J. F. ; DONADON, JULIANA RODRIGUES . The influence of drying on the physiological quality of crambe fruits.. Acta Scientiarum. Agronomy (Online), v. 34, p. 213-218, 2012.

41.
SOUZA,G.C2012SOUZA,G.C ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; PEIXOTO, M. F. ; BARBOSA, R. V. . Ocorrência de insetos e uso de inseticidas naturais e sintéticos no armazenamento de sementes de nabo forrageiro.. Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 33, p. 1441-1448, 2012.

42.
LIMA, R.E2012LIMA, R.E ; Neto, A. R. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; SANTANA, J. G. ; CORRÊA, R. M. . Effect of Water contents and Storage on Caju-de-Àrvore do cerrado Seed Germination. Global Science and Technology, v. 5, p. 78-82, 2012.

43.
SILVA, V. F.2012SILVA, V. F. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; LIMA, R.E ; BRANQUINHO, A. C. ; Silva, V.A. . Cryopreservation of quina seeds (Strychnos pseudoquina A. St. Hil). IRJOB- International Research Journal of Biotechnology, v. 3 (4), p. 55-60, 2012.

44.
Neto, A. R.2012Neto, A. R. ; FREITAS, B. S. M. ; Souza, A.L ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; Pires, L.L. . In vitro germination and growth of babassu (Orbygnia phalerata Mart.) embryos subjected to different drying temperatures. African Journal of Biotechnology, v. 11(46), p. 10605-10610, 2012.

45.
Resende, O.2012Resende, O. ; Almeida, D.P. ; Costa, L.M. ; MENDES, U. C. ; SALES, J. F. . Adzuki beans (Vigna angularis) seed quality under several drying conditions.. Ciência e Tecnologia de Alimentos (Online), v. 32 (1), p. 151-155, 2012.

46.
Costa, L.M.2012Costa, L.M. ; Resende, O. ; GONCALVES, D. N. ; MARCAL, K. A. F. ; SALES, J. F. . Storage of crambe fruit subjected to different drying conditions. African Journal of Agricultural Research, v. 7(47), p. 6274-6280, 2012.

47.
SILVA, MARCUS VINÍCIUS VIEIRA DA2012SILVA, MARCUS VINÍCIUS VIEIRA DA ; SALES, Juliana de Fátima ; SILVA, FABIANO GUIMARÃES ; NETO, AURÉLIO RUBIO ; ALBERTO, PAULA SPEROTTO ; PEREIRA, FLÁVIA DIONÍSIO . The influence of moisture on the in vitro embryo germination and morphogenesis of babassu (Orbignya phalerata Mart.). Acta Scientiarum. Agronomy (Impresso), v. 34, p. 453-458, 2012.

48.
CAETANO, GRACIENE DE SOUZA2012CAETANO, GRACIENE DE SOUZA ; SOUSA, KELLY APARECIDA DE ; RESENDE, OSVALDO ; SALES, Juliana de Fátima ; COSTA, LÍLIAN MOREIRA . Higroscopicidade de sementes de caju-de-árvore-do-cerrado. Pesquisa Agropecuária Tropical (Online), v. 42, p. 437-445, 2012.

49.
RUBIO NETO, A.2012RUBIO NETO, A. ; FREITAS, B. S. M. ; SOUZA, A. L. ; SILVA, Fabiano Guimarães ; SALES, J. F. ; PIRES, L. L. . In vitro germination and growth of babassu (Orbygnia phalerata Mart.) embryos subjected to different drying temperatures. African Journal of Biotechnology, v. 11, p. 10605, 2012.

50.
SALES, J. F.2011SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; OLIVEIRA, J. A. ; BOTREL, P. P. ; SILVA, F. G. ; CORRÊA, R. M. . The germination of bush mint (Hyptis marrubioides Epl) seeds as a function of harvest stage, light, temperature and duration of storage. Acta Scientiarum. Agronomy (Online), v. 33, p. 709-713, 2011.

51.
Alberto, P. S.2011Alberto, P. S. ; SILVA, F. G. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. ; PEREIRA, F.D. . Methods to overcome of the dormancy in murici (Byrsonima verbascifolia Rich) seeds. Semina. Ciências Agrárias (Online), v. v. 32, p. 1015-1020, 2011.

52.
VASCONCELOS, J. M.2011VASCONCELOS, J. M. ; Rodrigues, M.A. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Dormancy break in seeds of quina (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.).. Revista Brasileira de Plantas Medicinais (Impresso), v. 13, p. 11-17, 2011.

53.
Ullmann, R.2010Ullmann, R. ; Resende, O. ; SALES, J. F. ; Chaves, T. H . Qualidade das sementes de pinhão manso submetidas à secagem artificial. Revista ciência agronômica (UFC. Online), v. 41, p. 442-447, 2010.

54.
Lacerda, M.J.R.2010 Lacerda, M.J.R. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. ; Freitas, K.R ; Fontes, A. J. . Superação da Dormência de Sementes de Brachiaria brizantha cv."Marandu". Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 31, p. 823-827, 2010.

55.
VASCONCELOS, J. M.2010VASCONCELOS, J. M. ; CARDOSO, T. V. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SANTANA, J. G. . MÉTODOS DE SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA EM SEMENTES DE CROADA (Mouriri elliptica Mart. Ciência e Agrotecnologia (UFLA), v. 34, p. 5-1204, 2010.

56.
SALES, J. F.2009SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; BOTREL, P. P. ; SILVA, F. G. ; CORRÊA, R. M. ; CARVALHO, J. G. . Acúmulo de massa, teor foliar de nutrientes e rendimento de óleo essencial de hortelã-do-campo (Hyptis marrubioides ) cultivado sob adubação orgânica.. Bioscience Journal (UFU), v. 25, p. 60-68, 2009.

57.
Almeida, D.P.2009Almeida, D.P. ; Resende, O. ; Costa, L.M. ; MENDES, U. C. ; SALES, J. F. . CINÉTICA DE SECAGEM DO FEIJÃO ADZUKI (Vigna angularis).. Global Science and Technology, v. 2, p. 72-83, 2009.

58.
SALES, J. F.2009SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; FERRI, P. H. ; SILVA, F. G. ; OLIVEIRA, C. B. A. ; BOTREL, P. P. . Influência do nível de irradiância no crescimento, produção e composição química do óleo essencial de hortelã-do-campo (Hyptis marrubioides Epl.).. Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 30, p. 379-386, 2009.

59.
SALES, J. F.2007 SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; BOTREL, P. P. ; OLIVEIRA, C. B. A. ; FERRI, P. H. ; PAULA, J. R. ; SERAPHIN, J. C. . Composition and chemical variability in the essential oil of Hyptis marrubioides Epl.. The Journal of Essential Oil Research, v. 19, p. 552, 2007.

60.
SILVA, F. G.2007SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; NASCIMENTO, V. E. ; SALES, J. F. ; SOUCHIE, E. L. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Seasonal variation on the phenols content in cultivated and will carqueja [Baccharis trimera (Less) D.C.].. Revista Brasileira de Plantas Medicinais., v. 9, p. 52-57, 2007.

61.
SILVA, F. G.2006SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; CARDOSO, M. G. ; SALES, J. F. ; MOL, D. J. S. ; DIVINO, S. P. . Influence of manure and fertilizer on Baccharis trimera (Less.) D.C. growth and essential oil yield.. Journal Of Herbs Spices Medicinal Plants, v. 12, p. 1-11, 2006.

62.
SILVA, F. G.2006SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; CARDOSO, M. G. ; NASCIMENTO, E. A. ; NELSON, D. L. ; SALES, J. F. ; MOL, D. J. S. . Influence of radiation level on plant growth yield and quality of essential oil in carqueja.. Ciência e Agrotecnologia, Lavras, MG, v. 30, n., n.n.1, p. 52-57, 2006.

63.
SILVA, F. G.2006SILVA, F. G. ; JANUARIO, A. H. ; PINTO, J. E. B. P. ; NASCIMENTO, V. E. ; BARIZAN, W. S. ; SALES, J. F. ; FRANCA, S. C. . Teor de flavonoides em populações silvestre e cultivada de carqueja [Baccharis trimera (Less) D.C.] coletadas na estação seca e úmida.. Revista Brasileira de Plantas Medicinais., Botucatu, SP., v. 8, n.2, n.n.2, p. 19-25, 2006.

64.
SALES, J. F.2005 SALES, J. F.; ALVARENGA, A. A. ; OLIVEIRA, J. A. ; NOGUEIRA, F. D. ; SILVA, F. G. ; VEIGA, A. D. . Efeito da celulase sobre a decomposição do pergaminho e sua influência na velocidade de porcentagem de germinação de sementes de cafeeiro.. Ciência e Agrotecnologia., v. 29, n.n.6, 2005.

65.
SALES, J. F.2003 SALES, J. F.; ALVARENGA, A. A. ; OLIVEIRA, J. A. ; NOGUEIRA, F. D. ; REZENDE, L. C. ; SILVA, F. G. . Germinação de sementes de café (Coffea arabica L.) submetidas a diferentes concentrações e tempos de embebição em celulase.. Revista Ciência e Agrotecnologia, v. 27, n.n.3, p. 557-564, 2003.

66.
SILVA, F. G.2003SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; DIVINO, S. P. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Efeito da concentração de sais e fitorreguladores na indução de calos em carqueja.. Revista Ciência e Agrotecnologia, v. 27, n.n. 3, p. 541-547, 2003.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, V. F. ; Lourenço, H.A. O. ; SALES, J. F. ; Guerreiro, M.C. ; NUNES, C. L. R. . Análise quantitativa e qualitativa do óleo volátil de murici (Byrsonima verbascifolia) em função da variação diurna e sazonal. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 51., 2011, VIÇOSA, MG. CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 51., 2011.

2.
SILVA, V. F. ; Lourenço, H.A. O. ; SALES, J. F. ; Guerreiro, M.C. ; NUNES, C. L. R. . Teor e composição química do óleo volátil de jarrinha (Aristolochia cymbifera) em função da variação diurna e sazonal. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 51, 2011, VIÇOSA, MG. CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 51, 2011.

3.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; OLIVEIRA, J. A. ; PUCHALA, B. ; SALES, J. F. . Desempenho de sementes de carqueja (Baccahris trimera) peletizadas, armazenadas em diferentes embalagens.. In: 45 Congresso Brasileiro de Olericultura, 2005, Fortaleza, CE. Horticultura Brasileira, 2005. v. 23. p. 507.

4.
SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; BOTREL, P. P. ; SILVA, F. G. ; BERTOLUCCI, S. K. V. ; FERNANDES, K. R. G. . Crescimento, teor e rendimento de óleo essencial de hortelã-do-campo em diferentes níveis e fontes de adubação.. In: 45 Congresso Brasileiro de Olericultura, 2005, Fortaleza, CE.. Horticultura Brasileira., 2005. v. 23. p. 507-507.

5.
FERNANDES, K. R. G. ; SALES, J. F. ; XIMENES, F. A. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Efeito de diferentes concentrações de sais MS na germinação in vitro de sementes de cagaita.. In: 45º Congresso Brasileiro de Olericultura., 2005, Fortaleza, CE.. Horticultura Brasileira., 2005. v. 23. p. 590-591.

6.
BOTREL, P. P. ; PINTO, J. E. B. P. ; FIGUEIREDO, F. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Influência da concentração de 2,4 D na biomassa seca de calos em Hyptis marrubioides.. In: 2º Congreso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas., 2005, Fortaleza, CE.. Horticultura Brasileira., 2005. v. 23. p. 619-619.

7.
BOTREL, P. P. ; SALES, J. F. ; PINTO, J. E. B. P. ; SILVA, F. G. ; NASCIMENTO, V. E. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Indução e Crescimento de calos em explantes foliares de hortelã-do-campo.. In: 44º Congresso Brasileiro de Olericultura., 2004, Campo Grande. Horticultura Brasileira, 2004. v. 22.

8.
SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; FERRI, P. H. ; SILVA, F. G. ; BOTREL, P. P. ; GAVILANES, M. L. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Influência do nível de irradiância no crescimento e rendimento de óleo essencial em Hortelã-do-campo.. In: 44º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2004, Campo Grande, MS. Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos, 2004. v. 22.

9.
SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; OLIVEIRA, J. A. ; BOTREL, P. P. ; SILVA, F. G. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Influencia da luz, temperatura e armazenamento na germinação de Hortelão-do-campo (Hyptis marrubioides).. In: 44º congresso Brasileiro de Olericultura, 2004, Campo Grande, MS. Horticultura Brasileira, 2004. v. 22.

10.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; FERRI, P. H. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Teor de óleo essencial de carqueja após armazenamento. In: 44 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2004, Campo Grande, MS. Horticultura Brasileira, 2004. v. 22.

11.
PEREIRA, R. C. A. ; PINTO, J. E. B. P. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Condições de luz e temperatura na germinação de sementes de unha-de-gato.. In: 44 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2004, Campo Grande, MS. Horticultura Brasileira, 2004. v. 22.

12.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; OLIVEIRA, J. A. ; PUCHALA, B. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Efeito da peletização na germinação e emergência de sementes de carqueja. In: 44 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2004, Campo Grande, MS. Horticultura Brasileira, 2004. v. 22.

13.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; FERRI, P. H. ; NASCIMENTO, V. E. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Variação circadiana e sazonal no teor de óleo essencial em populações silvestres e cultivadas de carqueja.. In: 44 CONGRESSO BRASILEIRO DE OLERICULTURA, 2004, Campo Grande, MS. Horticultura Brasileira, 2004. v. 22.

14.
MOL, D. J. S. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; CARDOSO, M. G. ; NASCIMENTO, E. A. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Qualidade do óleo essencial de carqueja em função do nível de irradiância durante o cultivo. In: 43º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2003, Recife, 2003.

15.
PEREIRA, R. C. A. ; PINTO, J. E. B. P. ; SILVA, F. G. ; NASCIMENTO, V. E. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. ; SOUZA, J. A. . Estabelecimento da curva de crescimento de calos de unha-de-gato cultivados em meios com diferentes auxinas. In: 43º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2003, Recife, 2003.

16.
PEREIRA, R. C. A. ; PINTO, J. E. B. P. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; NASCIMENTO, V. E. ; BERTOLUCCI, S. K. V. ; SOUZA, J. A. ; ARANTES, E. S. . Efeito de giberelina e posição do explante na propagação in vitro de unha-de-gato. In: 43º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2003, Recife. Horticultura Brasileira, 2003.

17.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Indução de calos de carqueja em diferentes temperaturas e ausência de luz. In: XII Congresso de Pós Graduação da UFLA, 2003, Lavras, MG, 2003.

18.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; NASCIMENTO, V. E. ; SALES, J. F. ; MOL, D. J. S. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Influência de ANA e TDZ no estabelecimento in vitro de ápices de carqueja. In: 43º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2003, Recife, 2003.

19.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; DIVINO, S. P. ; MOL, D. J. S. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Indução de calos em diferentes temperaturas e concentrações de ANA utilizando seedlings de carqueja germinados in vitro.. In: Indução de calos em diferentes temperaturas e concentrações de ANA utilizando seedlings de carqueja germinados in vitro., 2002, Uberlândia. 42º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2002.

20.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; CARDOSO, M. G. ; SALES, J. F. ; DIVINO, S. P. ; NASCIMENTO, V. E. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Influência da concentração de sais MS e da relação auxina/citocininas na indução de calos em carqueja.. In: 42º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2002, Uberlândia, 2002.

21.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; CARDOSO, M. G. ; SALES, J. F. ; MOL, D. J. S. ; DIVINO, S. P. ; CASTRO, N. E. A. ; CASTRO, E. M. . Crescimento e rendimento de óleo essencial de carqueja amarga, no campo, em diferentes níveis de irradiância.. In: 41º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2001, Brasília. Horticultura Brasileira. Brasília: Horticultura Brasileira, 2001. v. 19.

22.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; CARDOSO, M. G. ; SALES, J. F. ; MOL, D. J. S. ; DIVINO, S. P. ; GONÇALVES, L. D. ; SHAN, A. Y. K. V. ; BERTOLLUCCI, S. K. . Crescimento e rendimento do óleo essencial de carqueja amarga, em casa de vegetação, com adubação orgânica e química.. In: 41º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2001, Brasília. Horticultura Brasileira. Brasília: Sociedade de Olericultura do Brasil, 2001. v. 19.

23.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; DIVINO, S. P. ; CARDOSO, M. G. ; MOL, D. J. S. ; CASTRO, N. E. A. ; SOUZA, A. V. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Influência das citocininas BAP e TDZ e auxinas ANA e 2,4-D na indução de calos em carqueja amarga.. In: Viii Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2001, Ilhéus. Resumos do VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2001.

24.
SALES, J. F.; ALVARENGA, A. A. ; DELÚ FILHO, N. ; SILVA, F. G. ; OLIVEIRA, J. A. ; NOGUEIRA, F. D. ; NASCIMENTO, E. A. . Ação da enzima celulase sobreo pergaminho do café (Coffea arabica L.).. In: VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2001, Ilhéus. Resumos do VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2001.

25.
SALES, J. F.; ALVARENGA, A. A. ; SILVA, F. G. ; NOGUEIRA, F. D. ; OLIVEIRA, J. A. ; REZENDE, L. C. ; VEIGA, A. D. . Efeito de diferentes substratos na formação e desenvolvimento de mudas de cafeeiro (Coffea arabica L.) em tubetes.. In: VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2001, Ilhéus. Resumos do VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 2001.

26.
SALES, J. F.; ALVARENGA, A. A. ; OLIVEIRA, J. A. ; NOGUEIRA, F. D. ; SILVA, F. G. ; OLIVEIRA, C. R. M. ; VEIGA, A. D. ; REZENDE, L. C. . Efeito da aplicação exógena de celullase na germinação de sementes de cafeeiro (Coffea arabica L.). In: VII Congresso de pesquisa cafeeira, 2001, Vitória. VII Congresso de pesquisa cafeeira, 2001.

27.
OLIVEIRA, C. R. M. ; BARBOSA, J. P. R. A. D. ; SOARES, A. M. ; OLIVEIRA, L. E. M. ; SALES, J. F. . Trocas gasosas e eficiência fotoquímica do fotossistema II de cafeeiros e seringueira em consórcio na região de Lavras, MG.. In: VII Congresso de pesquisa cafeeira, 2001, Vitória, ES, 2001.

28.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; SANTIAGO, E. J. A. ; SOUZA, A. V. ; CORRÊA, R. M. . Desenvolvimento in vitro de carqueja.. In: 40º Congresso Brasileiro de Olericultura, 2000, São Pedro-SP. Horticultura brasileira, 2000. v. 18. p. 969-970.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CAETANO, G. B. ; SILVA, L. A. ; SALES, J F ; NASCIMENTO, K. J. T. ; SILVA, G.P. . Tratamentos pré-germinativos em pirênios de Buchenavia tomentosa Eichler. (Combretaceae) em diferentes estádios de maturação. In: VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017, Urutaí, Goiás. VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017.

2.
DRUMOND, A. A. L. ; SOUZA, M. M. V. ; CABRAL, P. R. ; ZUCHI, J. ; SALES, J F ; CALDAS, L. J. M. . CONDUTIVIDADE ELÉTRICA DE SEMENTES DE GENÓTIPOS DE MAMONA SOB ARMAZENAMENTO EM DIFERENTES TEMPERATURAS. In: VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017. VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017.

3.
SOUZA, M. M. V. ; ZUCHI, J. ; DRUMOND, A. A. L. ; CABRAL, P. R. ; SALES, J F ; SOUZA, L. A. . QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE MAMONA SEGUNDO O GÉNOTIPO E A ORDEM FLORAL. In: VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológicado IF Goiano, 2017, Urutaí, Goiás. VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológicado IF Goiano, 2017.

4.
DRUMOND, A. A. L. ; SOUZA, M. M. V. ; ZUCHI, JACSON ; SALES, J F ; CABRAL, P. R. ; CAMARGO, G. . TESTE DE ENVELHECIMENTO ACELERADO EM SEMENTES DE MAMONA SEPARADAS POR TAMANHO E DENSIDADE. In: VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017, Urutaí, Goiás. VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017.

5.
MULLER, G. ; CASTRO, S. T. ; CALDAS, L. J. M. ; SALES, J F ; ZUCHI, J. . INFLUÊNCIA DA ESTRATIFICAÇÃO E DO ARMAZENAMENTO NA QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE MAURITIA FLEXUOSA. In: VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017, Urutaí, Goiás. VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017.

6.
DRUMOND, A. A. L. ; CABRAL, P. R. ; ZUCHI, JACSON ; SALES, J F ; SOUZA, M. M. V. ; CAMARGO, G. . CONDUTIVIDADE ELÉTRICA DE SEMENTES DE GENÓTIPOS DE MAMONA SUBMETIDAS AO BENEFICIAMENTO. In: VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017, Urutaí, Goiás. VI Congresso Estadual de Iniciação Científica e Tecnológica do IF Goiano, 2017.

7.
ARAUJO, A. C. F. ; GAVAZZA, M. I. A. ; DRUMOND, A. A. L. ; BARBOSA, L. C. S. ; SALES, Juliana de Fátima ; VASCONCELOS FILHO, S. C. . CARACTERIZAÇÃO HISTOQUÍMICA DE RAIZ E CAULE DE Sterculia striata A. St-Hil & Naudin. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

8.
CABRAL, A. L. ; SALES, Juliana de Fátima ; SILVA, J. M. D. ; BARBOSA, K.F ; NASCIMENTO, K. J. T. . CRIOPRESERVAÇÃO DE SEMENTES DE Sapindus saponaria L.. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

9.
DRUMOND, A. A. L. ; SOUSA, A. M. ; SALES, Juliana de Fátima ; SOUZA, M. M. V. ; ZUCHI, J. ; GAVAZZA, M. I. A. . QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE GENÓTIPOS DE MAMONA DE DOIS TAMANHOS SOB DIFERENTES TRATAMENTOS. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde, 2016.

10.
DRUMOND, A. A. L. ; GAVAZZA, M. I. A. ; NEVES, P. M. ; SALES, Juliana de Fátima ; SOUZA, M. M. V. ; ZUCHI, J. . TAMANHO E TRATAMENTO DE SEMENTES DE SOJA NO DESEMPENHO VEGETATIVO DAS PLANTAS. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

11.
MULLER, G. ; GAVAZZA, M. I. A. ; SALES, Juliana de Fátima ; Sousa, k.A. ; RESENDE, O. ; ZUCHI, J. . CALOR ISOSTÉRICO DE SEMENTES DE Sterculia Striata. In: Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

12.
MULLER, G. ; GAVAZZA, M. I. A. ; BARBOSA, L. C. S. ; SALES, Juliana de Fátima ; FURTADO, G. . CARACTERIZAÇÃO ANATÔMICA DE RAIZ E CAULE DE Sterculia striata A. St.-Hil & Naudin. In: Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

13.
SILVA, J. M. D. ; CABRAL, A. L. ; SALES, Juliana de Fátima ; BARBOSA, K.F ; ZUCHI, J. ; NASCIMENTO, K. J. T. . SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA DE SEMENTES DE Sapindus saponária L.. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

14.
GOULART, G. F. ; BARBOSA, K.F ; SALES, Juliana de Fátima ; ZUCHI, JACSON ; AMBROSIO, H. S. F. ; CABRAL, A. L. . ATRIBUTOS FISIOLÓGICOS DE SEMENTES DE MAMONA EM FUNCÃO DO MÉTODO DE COLHEITA. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

15.
BARBOSA, K.F ; GOULART, G. F. ; SALES, Juliana de Fátima ; SILVA, J. M. D. ; CABRAL, A. L. ; NASCIMENTO, K. J. T. . MANUTENÇÃO DA INTEGRIADADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE MAMONA MEDIANTE A CRIOPRESERVAÇÃO. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

16.
BARBOSA, L. C. S. ; GAVAZZA, M. I. A. ; SALES, Juliana de Fátima ; SOUZA, M. M. V. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; DRUMOND, A. A. L. . CARACTERIZAÇÃO HISTOQUÍMICA DA FOLHA DE Sterculia striata A. St-Hil & Naudin. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

17.
BARBOSA, L. C. S. ; SALES, Juliana de Fátima ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; COELHO, C. P. ; ROCHA, D. I. ; ZUCHI, J. . CARACTERIZAÇÃO HISTOQUÍMICA DAS FOLHAS DE Solanum melissarum Bohs (SOLANACEAE). In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

18.
LOPES FILHO, L. C. ; SALES, Juliana de Fátima ; ZUCHI, J. ; GOULART, G. F. ; CALDAS, L. J. M. ; BELEM, J. . GERMINAÇÃO E ANÁLISE DE IMAGENS DE RAIO-X EM SEMENTES DE ALGODÃO. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

19.
GAVAZZA, M. I. A. ; BARBOSA, L. C. S. ; SALES, Juliana de Fátima ; MULLER, G. ; SOUZA, M. M. V. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. . CARACTERIZAÇÃO ANATÔMICA DA FOLHA DE Sterculia Striata A. StHil & Naudin. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde,, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde,, 2016.

20.
GAVAZZA, M. I. A. ; SALES, Juliana de Fátima ; Sousa, k.A. ; MULLER, G. ; RESENDE, O. ; ZUCHI, J. . HIGROSCOPICIDADE DE SEMENTES DE Sterculia striata A. St-Hil & Naudin. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

21.
SOUZA, M. M. V. ; SANTANA, J. ; ZUCHI, J. ; CAMELO, G. N. ; SALES, Juliana de Fátima . EMERGÊNCIA E CRESCIMENTO DE MUDAS DE BARU SEGUNDO O TAMANHO DA SEMENTE. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

22.
Alberto, P. S. ; MARQUES, V. O. ; RUBIO NETO, A. ; SILVA, Fabiano Guimarães ; MARTINS, P. F. ; SALES, Juliana de Fátima . IDENTIFICAÇÃO DE BACTÉRIAS ENDOFÍTICAS CULTIVAVES DE ANACARDIUM OTHONIANUM RIZZINI. In: V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016, Rio Verde. V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, IF Goiano, Campus Rio Verde, 2016.

23.
PINTO, J. F. N. ; REIS, E. F. ; AMARAL, E. V. E. J. ; COELHO, C. P. ; SALES, JULIANA DE FATIMA . Variabilidade morfológica dos grãos de pólen de espécies do gênero Campomanesia de uma coleção de germoplasma(. In: XI SemaBio, 2015, Jataí. Anais do XI SemaBio, 2015.

24.
SILVA, G.P. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; SILVA, L. A. ; ZUCHI, J. ; CAMELO, G. N. ; MULLER, G. . Avaliação de imagens de Anacardium humile ST. Hilare. In: IV Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2015, Rio Verde. Anais do IV CPPG do câmpus Rio Verde, 2015.

25.
FURTADO, G. ; AMBROSIO, H. ; ZUCHI, J. ; BARBOSA, K.F ; SALES, JULIANA DE FATIMA . Superação de dormência de sementes de Jatobá-da-mata. In: IV Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2015. Anais do IV CPPG do câmpus Rio Verde, 2015.

26.
SILVA, L. A. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; NEVES, J. M. G. ; ZUCHI, J. ; SILVA, G.P. ; CAMELO, G. N. . Teste de raios X em aquênios de Anacardium othonianum Rizz. (Anacardiaceae) submetidos à secagem. In: IV Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2015, Rio Verde. Anais do IV congresso de Pesquisa e Pós-Graduação, 2015.

27.
AMARAL, E. V. E. J. ; SALES, Juliana de Fátima ; REIS, E. F. ; PINTO, J. F. N. . Utilização de marcadores ISSR para auxílio da identificação de espécies do Gênero Campomanesia. In: IV Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2015, Rio Verde. Anais do IV Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2015.

28.
AMARAL, E. V. E. J. ; SALES, Juliana de Fátima ; ZUCHI, J. ; NEVES, J. M. G. . Teste de raios X na avaliação da qualidade de sementes de campomanesia pubescens (DC.) O. Berg (Myrtaceae). In: IV Congresso de Pesquisa de Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2015, Rio Verde. Anais Do IV Congresso de Pesquisa de Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2015.

29.
MULLER, G. ; GAVAZZA, M. I. A. ; ZUCHI, J. ; SALES, Juliana de Fátima . DESEMPENHO FISIOLÓGICO DE SEMENTES DE BURITI SOB DIFERENTES TRATAMENTOS PRÉ-GERMINATIVOS.. In: IV Congresso Estadual de Iniciação Científica do IF Goiano, 2015, Morrinhos. IV Congresso Estadual de Iniciação Científica do IF Goiano, 2015.

30.
AMARAL, E. V. E. J. ; SALES, Juliana de Fátima ; PINTO, J. F. N. ; ESTEVAO, C. I. M. . Utilização de marcadores ISSR para auxílio na identificação de espécies do gênero Campomanesia. In: IV Congresso de Pesquisa e Pos Graduação do Campus Rio Verde, 2015, Rio Verde. IV Congresso de Pesquisa e Pos Graduação do Campus Rio Verde, 2015.

31.
AMARAL, E. V. E. J. ; SALES, Juliana de Fátima ; COELHO, C. P. ; REIS,E.F ; PINTO, J. F. N. . Viabilidade reprodutiva e morfometria de grãos de pólen em espécies do gênero Campomanesia. In: XI SEMANA ACADÊMICA DE BIOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS REGIONAL JATAI, 2015, JATAI. ANAIS DO XI SEMANA ACADÊMICA DE BIOLOGIA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS REGIONAL JATAI, 2015.

32.
CABRAL, A. L. ; BARBOSA, K.F ; ZUCHI, J. ; JENNIFER, M. ; REIS, K. V. ; SALES, Juliana de Fátima . DESEMPENHO FISIOLOGICO DE SEMENTES DE BROSIMUM GAUDICHAUDII TREC. COM DIFERENTES GRAUS DE MATURAÇÃO DO FRUTO. In: IV CONGRESSO DE PESQUISA E POS GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE, 2015, RIO VERDE. ANAIS DO IV CONGRESSO DE PESQUISA E POS GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE, 2015.

33.
BARBOSA, K.F ; SALES, Juliana de Fátima ; CABRAL, A. L. ; AMBROSIO, H. S. F. ; SILVA, FABIANO GUIMARAES ; GOULART, G. F. . ARMAZENAMENTO DE ANACARDIUM HUMILE ST. HIL. EM DIFERENTES TEMPOS E AMBIENTES. In: IV CONGRESSO DE PESQUISA E POS GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE, 2015. ANAIS DO IV CONGRESSO DE PESQUISA E POS GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE, 2015.

34.
FERREIRA, P. C ; BARBOSA, K.F ; SILVA, L. J. ; OLIVEIRA, G. L. ; SALES, Juliana de Fátima . TESTE DE GERMINAÇÃO PARA SEMENTES DE GABIROBA (Campomanesia adamantium (Camb.) O. Berg). In: Simpósio sobre produção de sementes e mudas, 2014, Viçosa. Nativas 2014: Simpósio sobre produção de sementes e mudas, 2014.

35.
FERREIRA, P. C ; BARBOSA, K.F ; OLIVEIRA, G. L. ; PINTO, A. L ; SILVA, L. J. ; SALES, Juliana de Fátima . Avaliação do potencial germinativo e fisiológico de sementes de gabiroba (Campomanesia adamantium (Camb.) O. Berg) em diferentes temperaturas. In: Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Rio Verde, 2014, Rio Verde. VIII CICURV: Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Rio Verde, 2014.

36.
SILVA, G.P. ; SALES, Juliana de Fátima ; FERREIRA, P. C ; SANTOS, H. O. ; SILVA, L. A. . ANÁLISE DE IMAGENS RADIOLÓGICAS EM SEMENTES DE GUAPEVA (Pouteria gardneriana Radlk) SUBMETIDAS À SECAGEM. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IF Goiano, 2014, Rio Verde. ANAIS DO III CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2014.

37.
BARBOSA, K.F ; CABRAL, A. L. ; ZUCHI, J. ; FERREIRA, P. C ; BARBOSA, L. M. ; SALES, Juliana de Fátima . GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE FALSO-IPÊ SOB DIFERENTES TEMPERATURAS E ARRANJOS NO SUBSTRATO. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014, Rio Verde. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

38.
BARBOSA, K.F ; SOARES, J. P. ; Vitorino, L.C. ; SILVA, C. O. ; SALES, Juliana de Fátima ; SILVA, L. A. . QUALIDADE FISIOLÓGICA DE AQUÊNIOS DE CAJU RASTEIRO CRIOPRESERVADOS. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

39.
SILVA, L. A. ; SALES, Juliana de Fátima ; SANTOS, H. O. ; MARTINS, J. M ; SILVA, G.P. . CORRELAÇÃO ENTRE A ANÁLISE DE IMAGENS RADIOGRÁFICAS DE SEMENTES DE CAGAITA (Eugenia dysenterica DC.) SUBMETIDAS À SECAGEM E O TESTE DE EMERGÊNCIA DE PLÂNTULAS. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014, Rio Verde. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

40.
ASSIS, E. S. ; SALES, Juliana de Fátima ; RUBIO NETO, A. ; LIMA, L. R. ; SILVA, F. G. ; Menezes, C.C.E. . CRESCIMENTO DE CROADA (Mouriri elliptica Mart.) SOB DIFERENTES INTENSIDADES LUMINOSAS E MEIO DE CULTIVO IN VITRO. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

41.
OLIVEIRA, D. E. C. ; Resende, O. ; COSTA, LÍLIAN MOREIRA ; SILVA, G.P. ; SALES, JULIANA DE FATIMA . Determinação da energia livre de gibbs para o processo de dessorção dos frutos de sucupira. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014, Rio Verde. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

42.
SILVA, G.P. ; FERREIRA, P. C ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; RODRIGUES, A. A. ; RODRIGUES, D. A. ; SILVA, L. A. . Identificação de compostos químicos em sementes de guapeva (pouteria gardneriana RALDK.) através de cortes histoquímicos. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014, Rio Verde. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

43.
TAVARES, C. J. ; JAKELAITIS, A.J. ; Resende, O. ; SALES, JULIANA DE FATIMA . Efeitos de dessecantes e do armazenamento na emergência de sementes de feijão azuki. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014, Rio Verde. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

44.
MARCAL, K. A. F. ; Resende, O. ; OLIVEIRA, D. E. C. ; Costa, L.M. ; SALES, JULIANA DE FATIMA . calor isostérico dos frutos de sucupira. In: III CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO,, 2014, Rio Verde. Anais do III Congresso Estadual de Iniciação Científica do IFGoiano, 2014.

45.
VIRGOLINO, Z. Z. ; Resende, O. ; GONCALVES, D. N. ; MARCAL, K. A. F. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; LIMA, R. R. . Vigor de sementes de soja resfriadas, armazenadas em diferentes tipos de embalagens. In: III Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano, 2014. Anais do III CPPG do câmpus Rio Verde, 2014.

46.
SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; FREITAS, B. S. M. ; RODRIGUES, D. A. ; SILVA, L. A. . ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS E HISTOQUÍMICAS EM SEMENTES DE BARU APÓS O ARMAZENAMENTO. In: II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013, Rio Verde. II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013.

47.
SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; SILVA, L. A. ; FRANCA, S. C. ; MARTINS, J. M ; FERREIRA, P. C . ATIVIDADE RESPIRATÓRIA DE DIÁSPOROS DE Buchenavia tomentosa EM FUNÇÃO DO TEOR DE ÁGUA. In: II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013, Rio Verde. II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013.

48.
BARBOSA, K.F ; SALES, J. F. ; SILVA, G.P. ; SILVA, L. A. ; PINTO, A. L . VIABILIDADE DE SEMENTES DE CROADA PELO TESTE DE TETRAZÓLIO. In: II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013, Rio Verde. II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013.

49.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; SOARES, M.A. ; FERREIRA, P. H. C. M. ; SILVA, G.P. ; PINTO, A. L . PADRÃO ELETROFORÉTICO DE DIFERENTES ENZIMAS E DE PROTEÍNAS RESISTENTES AO CALOR EM SEMENTES DE Rhamnidium elaeocarpum Reissek, SUBMETIDAS À SECAGEM. In: II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013, Rio Verde. II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013.

50.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; FERREIRA, P. H. C. M. ; SILVA, G.P. ; REIS, K. V. ; FREITAS, B. S. M. . AVALIAÇÃO DE DANOS DECORRENTES DA SECAGEM EM SEMENTES DE Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk. PELO TESTE DE RAIOS X.. In: II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013, Rio Verde. II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013.

51.
FRANCA, S. C. ; SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; REIS, K. V. ; PINTO, A. L ; MARTINS, J. M . ARMAZENAMENTO DE DIÁSPOROS DE PEQUI. In: II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013, Rio Verde. II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO DO IFGOIANO, II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IFGOIANO, 2013.

52.
ALVES, B. A. ; BRANQUINHO, A. C. ; MEDEIROS,L.T ; SALES, J. F. ; Silva, J.W ; GOMES, R. . INFLUENCIA DA PRÉ-SECAGEM E DO ARMAZENAMENTO NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE CAPIM-TANZÂNIA. In: II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO IF GOIANO/II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF GOIANO, 2013, RIO VERDE. II CONGRESSO ESTADUAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO IF GOIANO/II CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF GOIANO, 2013.

53.
FREITAS, B. S. M. ; SILVA, G.P. ; SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; Neto, A. R. . Avaliação da qualidade de sementes de baru (Dipteryx alata vog.) após secagem dos frutos em diferentes tempos e temperatura. In: I Congresso de Iniciação Científica do IFGoiano, 2012, Urutaí. Anais do I Congresso de Iniciação Científica do IFGoiano, 2012.

54.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; GUIMARÃES, R. M. ; OLIVEIRA, J. A. ; FREITAS, B. S. M. . Caracterização morfológica de frutos, sementes e do desenvolvimento pós-seminal de cafezinho-do-cerrado [Rhamnidium elaeocarpum Reissek (Rhamnaceae)]. In: I Congresso de Iniciação Científica do IFGoiano, 2012, Urutaí. Anais do I Congresso de Iniciação Científica do IFGoiano, 2012.

55.
Lourenço, H.A. O. ; RIBEIRO, N. L. ; SALES, J. F. ; SILVA, V. F. ; SILVA, F. G. ; SILVA, G.P. . Influência da variação sazonal e circadiana no teor de óleo extraído das folhas e ramos de jarrinha (Aristolochia cymbifera Mart & Zucc). In: I Congresso de Iniciação Científica do IFGoiano, 2012, Urutaí. Anais do I Congresso de Iniciação Científica do IFGoiano, 2012.

56.
ALEXANDRE, E. C. F. ; SILVEIRA, E. V. ; Castro, C. F. S. ; SALES, J. F. ; OLIVEIRA, L. C. S. . ESTUDO TÉRMICO DE BIODIESEL METÍLICO E ETÍLICO DO ÓLEO DE TUCUM. In: XXX ENCONTRO NACIONAL DOS ESTUDANTES DE QUÍMICA, 2012, Rio de Janeiro. Anais do XXX ENCONTRO NACIONAL DOS ESTUDANTES DE QUÍMICA, 2012.

57.
SILVEIRA, E. V. ; ALEXANDRE, E. C. F. ; Castro, C. F. S. ; SALES, J. F. . EFEITO ALELOPÁTICO DO ÓLEO DE SEMENTES DE TUCUM (ASTROCARYUM HUAIMI MART.). In: XXX ENCONTRO NACIONAL DOS ESTUDANTES DE QUÍMICA, 2012, Rio de Janeiro. Anais do XXX ENCONTRO NACIONAL DOS ESTUDANTES DE QUÍMICA, 2012.

58.
FERREIRA, P. H. C. M. ; SALES, J. F. ; SILVA, L. A. ; FRANCA, S. C. ; FREITAS, B. S. M. . Determinação do teor de água limite para crioconservação de aquênios de caju-de-árvore-do-Cerrado (Anacardium othonianum Rizz ) ? Anacardiaceae. In: I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012, Rio Verde. I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012.

59.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; GUIMARÃES, R. M. ; OLIVEIRA, J. A. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SILVA, G.P. . Estudos morfológicos de frutos, sementes e plântulas de curriola [Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk ? Sapotaceae].. In: I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012, Rio Verde. I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012.

60.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; OLIVEIRA, J. A. ; SANTOS, H. O. ; SOARES, M.A. ; LARA, T. S. . ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS EM SEMENTES DE CAFEZINHO-DO-CERRADO [Rhamnidium elaeocarpum Reissek (Rhamnaceae)] SUBMETIDAS À SECAGEM. In: I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012, Rio Verde. I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012.

61.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; OLIVEIRA, J. A. ; Von Pinho, E. V. R. ; SANTOS, H. O. . Influência do estádio de maturação e da secagem no desempenho fisiológico de sementes de curriola (Pouteria ramiflora Mart.).. In: I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012, Rio Verde. I CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CÂMPUS RIO VERDE DO IF Goiano, 2012.

62.
MARTINS, D. A. ; SILVA, L. A. ; JAKELAITIS, A.J. ; SALES, J. F. ; COSTA, A. C. . QUEBRA DE DORMÊNCIA DE SEMENTES DE FALSO-MASSAMBARÁ (Sorghum arundinaceum). In: I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano., 2012, Rio Verde. I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano., 2012.

63.
SILVA, G.P. ; FRANCA, S. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; Resende, O. ; Neto, A. R. . Influência do tempo e da temperatura de secagem nos diásporos de pequi (Caryocar brasiliense CAMB.). In: I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2012, Rio Verde. I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2012.

64.
FRANCA, S. C. ; SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; Neto, A. R. ; FERREIRA, P. H. C. M. . SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA EM DIÁSPOROS DE PEQUI (Caryocar brasiliense CAMB.). In: I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2012. I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2012.

65.
RIBEIRO, N. L. ; Lourenço, H.A. O. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SILVA, V. F. . Teor e composição química do óleo essencial de murici (Byrsonima verbascifolia Rich. ex A. Juss.) avaliado em diferentes estações e horários de coleta. In: I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2012, Rio Verde. I Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Câmpus Rio Verde do IFGoiano, 2012.

66.
BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; CAETANO, G. S. S. . SEMENTES DE QUINA (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.) SUBMETIDAS A SECAGEM E AO ARMZENAMENTO. In: v Congresso de Iniciação Científica e 3º Workshop de Pós - Graduação, 2011, Rio Verde - GO. Ciência e Tecnologia no Bioma Cerrado, 2011.

67.
FREITAS, B. S. M. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SILVA, M. V. V. ; Alberto, P. S. . INFLUÊNCIA DA SECAGEM DAS SEMENTES NA GERMINAÇÃO IN VITRO DE EMBRIÕES DE BABAÇU (Orbignya phalerata Mart.). In: V Congresso de Iniciação Científica e 3º Workshop de Pós Graduação, 2011, Rio Verde - GO. Ciência e Tecnologia no Bioma Cerrado, 2011.

68.
ALVES, B. A. ; SALES, J. F. ; MEDEIROS,L.T ; SOUZA, R. G. ; BRANQUINHO, A. C. ; BARROS JUNIOR, C. A. V. . INFLUÊNCIA DA SECAGEM E DO ARMAZENAMENTO NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE Brachiaria brizantha CV. MARANDU COLHIDAS NO CACHO. In: V Congresso de Iniciação Científica e 3º Workshop de Pós - Graduação, 2011, Rio Verde - GO. Ciênica e Tecnologia no Bioma Cerrado, 2011.

69.
SOUZA, R. G. ; SALES, J. F. ; MEDEIROS,L.T ; BRANQUINHO, A. C. ; ALVES, B. A. ; SOUZA, R. V. . AVALIAÇÃO DA GERMINAÇÃO E EMERGÊNCIA DE SEMENTES STYLOSANTHES CV. MINEIRÃO. In: V Congresso de Iniciação Científica e 3º Workshop de Pós Graduação, 2011, Rio Verde - Go. Ciência e Tecnologia no Bioma Cerrado, 2011.

70.
SOUZA, R. G. ; SALES, J. F. ; MEDEIROS,L.T ; BRANQUINHO, A. C. ; ALVES, B. A. ; BARROS JUNIOR, C. A. V. . AVALIAÇÃO DA GERMINAÇÃO E EMERGÊNCIA DE SEMENTES DE STYLOSANTHES CV. CAMPO GRANDE. In: V Congresso de Iniciação Científica e 3º Wokshop de Pós - Graduação, 2011, Rio Verde - GO. Ciência e Tecnologia no Bioma Cerrado, 2011.

71.
CAMPOS,R.C ; SALES, J. F. ; Souza, A.L ; Neto, A. R. ; SILVA, F. G. . ÁCIDO GIBERÉLICO NA SUPERAÇÃO DA DORMÊNCIA DE SEMENTES DE TUCUMÃ DE GOIÁS Astrocaryum huaimi Mart.. In: V Congresso de Iniciação Científica e 3º Workshop de Pós - Graduação, 2011, Rio Verde - GO. Ciênica e Tecnologia no Bioma Cerrado, 2011.

72.
Neto, A. R. ; Souza, A.L ; Silva, L.Q. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; REIS,E.F . Curva de Embebição e Germinação de Sementes de Macauba (Acrocomia aculeata Jacq. Lodd.ex Mart.,). In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do Instituto Federal Goiano/Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica, 2010.

73.
SOUZA,G.C ; BARBOSA, R. V. ; SALES, J. F. ; PEIXOTO, M. F. . Efeito de Substancias Quimicas na Qualidade Fisiologica de Sementes de Crambe (Crambe abyssinica Hochst) Armazenadas por 120 dias. In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do Instituto Federal Goiano/Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica, 2010.

74.
SOUZA,G.C ; BARBOSA, R. V. ; SALES, J. F. ; PEIXOTO, M. F. . Qualidade Fisiologica de Sementes de Nabo Forrageiro (Raphanus sativus L.),Tratadas com Inseticidas Naturais e Sintéticos em Diferentes Tempos do Armazenamento. In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do Instituto Federal Goiano/Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica, 2010.

75.
Neto, A. R. ; CAMPOS,R.C ; Silva, L.Q. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; REIS,E.F . Germinação de Sementes de Macauba Submetidas á escarificação física,t´rmica e química. In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do Instituto Federal Goiano/Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica, 2010.

76.
BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. ; MEDEIROS,L.T ; SILVA, F. G. . Armazenamento e Secagem de Sementes de Caju-de-Árvore-do-Cerrado (Anacardium othanianum Rizz) em Diferentes Teores de Umidade. In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do Instituto Federal Goiano/Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica, 2010.

77.
BRANQUINHO, A. C. ; MACHADO,F.G ; SALES, J. F. ; MEDEIROS,L.T . Efeitos da Secagem no Vigor de Sementes de Quina (Strychnos pseudoquina A. ST.Hil.). In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do Instituto Federal Goiano/Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica, 2010.

78.
Almeida, D.P. ; Osvaldo Rezende ; MENDES, U. C. ; SALES, J. F. . Avaliação da Qualidade de Sementes de Feijão Adzuki (Vigna angularis) sob Várias condições de Secagem. In: IX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola-CONBEA, 2010, Vitoria -ES. IX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola-CONBEA, 2010.

79.
Kelly Aparecida Souza ; Osvaldo Rezende ; SOUZA,J.L.F.E. ; Chaves, T. H ; SALES, J. F. . Avaliação Fisiologica de Sementes de Nabo Forrageiro (Raphanus sativus L.) Sob Diferentes de Secagem. In: IX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola-CONBEA, 2010, Vitoria-ES. IX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola-CONBEA, 2010.

80.
Costa, L.M. ; Osvaldo Rezende ; GONÇALVES,D.N ; RODRIGUES, E. ; SALES, J. F. . Influência na Secagem de Crambe abyssinica.. In: IX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola-CONBEA, 2010, Vitoria-ES. IX Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola-CONBEA, 2010.

81.
VIEIRA JUNIOR,N.S ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; CAMPOS,R.C ; BRANQUINHO, A. C. . Quebra de Dormência de Sementes de Boca-Boa(Buchenavia tomentosa). In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010.

82.
BRANQUINHO, A. C. ; MACHADO,F.G ; SALES, J. F. ; MEDEIROS,L.T . Efeito da Secagem na Germinação das Sementes de Quina(Strychnos pseudoquina A.St.Hil). In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010.

83.
Souza, A.L ; SALES, J. F. ; Neto, A. R. ; CAMPOS,R.C ; Silva, L.Q. . Embriões de Tucumã de Goiás Astrocaryum huaimi Mart.(Arecaceae) submetidos ao teste de Tetrazólio em diferentes concentrações. In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010.

84.
Silva, L.Q. ; Neto, A. R. ; CAMPOS,R.C ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; REIS,E.F . Formas de Embebições e Concentrações do Ácido Giberélico em Sementes de Macaúba Acrocomia aculeata Jacq.Lood.. In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010.

85.
SILVA,M.V.V ; Neto, A. R. ; Alberto, P. S. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; PEREIRA, F.D. . Germinação e Morfogênese In Vitro de Embriões Zigóticos de Babaçu (Orbignya phalerata Mart.) Submetidos á Secagem. In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010.

86.
MACHADO,F.G ; BRANQUINHO, A. C. ; CAMPOS,R.C ; SALES, J. F. . Criopreservação de Sementes de Quina (Strychnos pseudoquina A.St.Hil). In: IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010, Rio Verde-GO. IV Congresso de Iniciação Cientifica do IFGoiano-Campus Rio Verde, 2010.

87.
Silva, L.Q. ; BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. . Influência do Tratamento com Inseticidas na Germinação de Sementes de Pinhão- Manso(Jatropa curcas). In: III Congresso de Iniciação Científica do Instituto Federal Goiano/ Campus Rio Verde, 2009, Rio Verde-GO. III Congresso de Iniciação Cientifica, 2009.

88.
Alberto, P. S. ; BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Germinação de Sementes de Murici (Byrsonima verbascifolia Rich Ex A.Juss) submetidas a secagem. In: III Congresso de Iniciação Científica do Instituto Federal Goiano/ Campus Rio Verde, 2009, Rio Verde-GO. III Congresso de Iniciação Cientifica, 2009.

89.
Alberto, P. S. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Metodos de Superação de Dormencia em Sementes de Murici (Byrsonima verbascifolia RICH). In: III Congresso de Iniciação Científica do Instituto Federal Goiano/ Campus Rio Verde, 2009, Rio Verde-GO. III Congresso de Iniciação Cientifica, 2009.

90.
Cabral, J.S.R. ; SOUSA,Luan Carlos Leão ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; PEIXOTO, M. F. . Tratamento de Sementes de Guapeva (Pouteria cf. guardneriana Radlk) com Diferentes Inseticidas. In: III Congresso de Iniciação Científica do Instituto Federal Goiano/ Campus Rio Verde, 2009, Rio Verde-GO. III Congresso de Iniciação Cientifica, 2009.

91.
MACHADO,F.G ; SALES, J. F. . Influência do Tratamento com Inseticidas na Germinação de Sementes de Cártamo (Carthamus tinctorius). In: III Congresso de Iniciação Científica do Instituto Federal Goiano/ Campus Rio Verde, 2009, Rio Verde-GO. III Congresso de Iniciação Cientifica, 2009.

92.
BRANQUINHO, A. C. ; Silva, L.Q. ; SALES, J. F. . Influencia da Variação Geografica sobre a Qualidade Fisiologica de Sementes de Pinhão-Manso(Jatropa curcas). In: I Congresso Brasileiro de Pesquisa em Pinhão Manso, 2009, Brasilia-DF. I Congresso Brasileiro de Pesquisa em Pinhao Manso, 2009.

93.
Silva, L.Q. ; BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. . Secagem de Sementes de Pinhão Manso. In: I Congresso Brasileiro de Pesquisa em Pinhão Manso, 2009, Brasilia-DF. I Congresso Brasileiro de Pesquisa em Pinhao Manso, 2009.

94.
BRANQUINHO, A. C. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. . Germinação de Sementes de Guapeva (Pouteria cf. guardneriana Radlk) submetidas a diferentes Inseticidas e com Diferentes Umidades. In: III Congresso de Iniciação Científica do Instituto Federal Goiano/ Campus Rio Verde, 2009, Rio Verde-GO. III Congresso de Iniciação Cientifica, 2009.

95.
BRANQUINHO, A. C. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. . Tolerância a Dessecação de Caju-de-ávore-do-cerrado (Anacardium othanianum RIZZ). In: III Congresso de Iniciação Científica do Instituto Federal Goiano/ Campus Rio Verde, 2009, Rio Verde-GO. III Congresso de Iniciação Cientifica, 2009.

96.
Silva, L.Q. ; VASCONCELOS, J. M. ; SALES, J. F. ; Alves, J.M. . Efeito da temperatura na germinação de sementes de pinhão-manso.. In: II Congressso de Iniciação Científica do CEFETR Rio Verde, 2008, Rio Verde, GO. II Congressso de Iniciação Científica do CEFETR Rio Verde, 2008.

97.
Cabral, J.S.R. ; VASCONCELOS, J. M. ; Alberto, P. S. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Tolerância e dessecação de caju-do-cerrado (Anacardium othonianum Rizz).. In: XX Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2008, Vitória. XX Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2008.

98.
Cabral, J.S.R. ; Lacerda, M.J.R. ; SALES, J. F. ; Freitas, K.R ; Fontes, A. J. . Quebra de dormência de Brachiaria brizantha cv. Marandu.. In: II Congresso de Iniciação Científica do CEFET Rio Verde., 2008, Rio Verde, GO.. II Congresso de Iniciação Científica do CEFET Rio Verde., 2008.

99.
Resende, O. ; Almeida, D.P. ; Costa, L.M. ; SALES, J. F. . Determinação do coeficiente de difusão durante a secagem do feijão adzuki (Vigna angularis).. In: II Congresso de Iniciação Científica do CEFET Rio Verde., 2008, Rio Verde, GO.. II Congresso de Iniciação Científica do CEFET Rio Verde., 2008.

100.
BRANQUINHO, A. C. ; VASCONCELOS, J. M. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. ; Alves, J.M. . Tolerância a dessecação de Nabo Forrageiro (Raphanus sativus.). In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste, 2008, Cuíaba-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste, 2008.

101.
LEITE, F. G. S. ; VASCONCELOS, J. M. ; BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. . Efeito da temperatura e armazenamento na germinação de sementes de Pinhão-manso (Jatropha curcas L.). In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste, 2008, Cuiabá-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste, 2008.

102.
LEITE, F. G. S. ; BRANQUINHO, A. C. ; VASCONCELOS, J. M. ; SALES, J. F. ; Alves, J.M. . Efeito da temperatura e do armazenamento na germinação de sementes de Nabo Forrageiro (Raphanus sativus L.). In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste, 2008, Cuiába-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste, 2008.

103.
VASCONCELOS, J. M. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Tolerância à dessecação de sementes de croada.. In: II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008, Rio Verde-GO. II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008.

104.
VASCONCELOS, J. M. ; CARDOSO, T. V. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Superação da dormência em sementes de Quina.. In: II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008, Rio Verde-GO. II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008.

105.
VASCONCELOS, J. M. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Influência do teor de água na germinação e métodos de secagem em sementes de Quina.. In: II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008, Rio Verde-GO. II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008.

106.
VASCONCELOS, J. M. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Germinação de sementes de Mama-cadela com diferentes teores de água e métodos de secagem.. In: II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008, Rio Verde-GO. II Congresso de Iniciação Científica do CEFET-Rio Verde, 2008.

107.
Almeida, D.P. ; Resende, O. ; MENDES, U. C. ; Costa, L.M. ; SALES, J. F. . Estudo da cinética do processo de secagem do feijão Adzuki (Vigna angularis).. In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste., 2008, Cuiabá-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste., 2008.

108.
Almeida, D.P. ; Resende, O. ; SALES, J. F. ; MENDES, U. C. ; Costa, L.M. . Influência da secagem na germinação de sementes de feijão Adzuki (Vigna angularis).. In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste., 2008, Cuiabá-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste., 2008.

109.
Cabral, J.S.R. ; Lacerda, M.J.R. ; OLIVEIRA, R. P. ; SALES, J. F. ; Fontes, A. J. . Métodos de Superação da Dormência de Sementes de Brachiaria brizantha CV.Mineirão.. In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro Oeste, 2008, Cuiabá-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro Oeste, 2008.

110.
OLIVEIRA, R. P. ; Alberto, P. S. ; Cabral, J.S.R. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Germinação de sementes de Aristolochia cyclochilia em diferentes temperaturas em ausência e presença de luz.. In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro Oeste., 2008, Cuiabá-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro Oeste., 2008.

111.
LIMA, R.E ; Neto, A. R. ; CORRÊA, R. M. ; SALES, J. F. ; SANTANA, J. G. ; SILVA, F. G. . Tolerância a Dessecação de Sementes de Cajú-de-àrvore-do-Cerrado. In: II Congresso de Iniciação Ciêntífica do Cefet Rio Verde, 2008, Rio Verde. II Congresso de Iniciação Ciêntífica do CEFET Rio Verde - GO, 2008.

112.
FARIA, E. A. ; FERNANDES, L. A. ; TELES, C. V. ; SALES, J. F. . Utilização de materiais de baixo cuato na remoção de contaminates de águas. In: 2ª Jornada da produção científica da educação profissional e tecnologia da Região Centro-Oestr, 2008, Cuiabá. 2ª Jornada da produção científica da educação profissional e tecnologia da Região Centro-Oestr, 2008.

113.
SANTANA, J. G. ; VASCONCELOS, J. M. ; SALES, J. F. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SILVA, F. G. . Métodos de superação de dormência de sementes de Croada (Mouriri elliptica. In: XX Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2008, Vitória. XX Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2008.

114.
SILVA, F. G. ; VASCONCELOS, J. M. ; SALES, J. F. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SANTANA, J. G. . INFLUÊNCIA DO TEOR DE ÁGUA E DO ARMAZENAMENTO NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE CAGAITA [EUGENIA DYSENTERICA (MART. EX DC)]. In: XX Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2008, Vitória. XX Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2008.

115.
Silva, L.Q. ; LEITE, F. G. S. ; Alves, J.M. ; SALES, J. F. . Germinação de sementes de Crambe abyssinica (Hochst) em diferentes temperaturas, tempos e ambientes. In: II Jornada de Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da região Centro-Oeste., 2008, Cuiabá. II Jornada de Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da região Centro-Oeste., 2008.

116.
Alberto, P. S. ; Cabral, J.S.R. ; OLIVEIRA, R. P. ; SILVA, F. G. ; SOUCHIE, E. L. ; SALES, J. F. . Quebra de dormência com ácido giberélico, fungos e bactérias provenientes da rizosfera de plantas de murici ( Byrsonima verbascifolia).. In: II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste., 2008, Cuiabá-MT. II Jornada da Produção Científica da Educação Profissional e Tecnológica da Região Centro-Oeste., 2008.

117.
SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; BOTREL, P. P. ; SILVA, F. G. ; CORRÊA, R. M. ; Cabral, J.S.R. . Acúmulo de fitomassa, teor foliar de nutrientes e rendimento de óleo essencial de hortelã-do-campo (Hyptis marrubioides Epl.) cultivado sob diferentes adubações orgânica e química.. In: XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo., 2007, Gramado, RS.. XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo., 2007.

118.
VASCONCELOS, J. M. ; LEITE, F. G. S. ; CARDOSO, T. V. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. . Germinação in vitro de quina (Strychnos pseudoquina A. ST. Hill.), Loganiaceae.. In: 3º congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas., 2007, Goiania, GO. 3º congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas., 2007.

119.
FERNANDES, K. R. G. ; XIMENES, F. A. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Efeito da Luz e da posição dos explantes na micropropagação de Cagaita. In: 3º Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2007, Goiania. 3º Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2007.

120.
FERNANDES, K. R. G. ; XIMENES, F. A. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. ; Neto, A. R. . Efeito do armazenamento no poder germinativo in vitro de sementes de cagaita. In: 3º Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2007, Goiania. 3º Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas, 2007.

121.
BOTREL, P. P. ; SALES, J. F. ; OLIVEIRA, J. A. ; PINTO, J. E. B. P. ; NASCIMENTO, K. J. T. ; FIGUEIREDO, F. C. ; SILVA, F. G. . Influência de diferentes períodos de coleta das sementes e tempo de armazenamento na germinação de hortelã-do-campo.. In: XIV Congresso da Associação de Pós-Graduandos da UFLA, 2005, Lavras, MG. CD room, 2005.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BARBOSA, L. C. S. ; Juliana de Fátima Sales ; SILVA, Fabiano Guimarães ; DIAS, L. L. L. ; ZUCHI, J. ; ROCHA, D. I. . ANÁLISE ULTRAESTRUTURAL DO TEGUMENTO DE SEMENTES DE DELONIX REGIA (BOJER EX HOOK.) RAF., SOB DIFERENTES MÉTODOS PRÉ- GERMINATIVOS PARA SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA. In: Exposição de Ensino, Ciência e Tecnologia ? ExpoECT2018, Reunião Regional da SBPC, 2018, Rio Verde, Goiás. Exposição de Ensino, Ciência e Tecnologia ? ExpoECT2018, Reunião Regional da SBPC, 2018.

2.
BARBOSA, L. C. S. ; ROCHA, D. I. ; ASSIS, N. P. C. ; ROCHA, M. M. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; ZUCHI, J. . ANÁLISE DO DESENVOLVIMENTO PÓS-SEMINAL DE DELONIX REGIA (BOJER EX HOOK.) RAF. (FABACEAE, CAESALPINOIDEAE). In: Exposição de Ensino, Ciência e Tecnologia ? ExpoECT2018, Reunião Regional da SBPC, 2018, Rio Verde, Goiás. Exposição de Ensino, Ciência e Tecnologia ? ExpoECT2018, Reunião Regional da SBPC, 2018.

3.
SALES, J F; AMARAL, E. V. E. J. ; BARBOSA, L. C. S. ; PINTO, J. F. N. ; REIS, E. F. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. . Evaluation of growth and anatomical root structure of Campomanesia pubescens (Mart. ex DC.) O.Berg (Myrtaceae) under different concentrations of Aluminium. In: VIII ISHS Symposium on Mineral Nutrition of Fruit Crops, 2017, Bolzano, Itália. VIII ISHS Symposium on Mineral Nutrition of Fruit Crops, 2017.

4.
ZUCHI, J. ; CAMELO, G. N. ; SILVA, G.P. ; SALES, J. F. . Qualidade Fisiológica de sementes de Baru sob diferentes métodos de extração e temperatura de germinação. In: 4º Bioprospectar, 2015, Rio. Anais 4º Bioprospectar, 2015.

5.
OLIVEIRA, J. ; SALES, J. F. ; RUBIO NETO, A. ; SOUCHIE, E. L. ; SOARES, M.A. ; SILVA, C. F. . Biological control on seed germination of two native species from cerrado domain. In: BioMicroWorld2015 Conference, 2015, Barcelona. Book of abstracts of BioMicroWorld2015, 2015.

6.
LEITE, M. S. ; ANDRADE, R. V. ; RUBIO NETO, A. ; SILVA, F. G. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; Menezes, C.C.E. . Cultivo in vitro de guapeva submetida a diferentes níveis de irradiâncias na presença/Ausência de sacarose. In: III Bioprospectar, 2014, Rio Verde. Anais do III Bioprospectar, 2014.

7.
ASSIS, E. S. ; LIMA, L. R. ; RUBIO NETO, A. ; SILVA, F. G. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; Menezes, C.C.E. . Performance foliar de plântulas de croada (Mouriri elliptica MART.) cultivadas in vitro sob condições fotoautotróficas. In: III Bioprospectar, 2014, Rio Verde. Anais do III Bioprospectar, 2014.

8.
Gazolla, A.P.. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; SILVA, Fabiano Guimarães ; JANUARIO, A. H. ; MONTEIRO-HARA, A. C. B. A. ; PEDROSO, R. C. N. . Produção de ácido gálico em plântulas in vitro de Anacardium othonianum Rizz Elicitadas com AgNO3. In: III CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE DO IF GOIANO, 2014, RIO VERDE. ANAIS DO III CONGRESSO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE DO IF GOIANO, 2014.

9.
FERREIRA, P. C ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; REIS, K. V. ; BARBOSA, KARINE F. ; VIEIRA, J. P. S. ; OLIVEIRA, G. L. . QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE JURUBEBA (Solanum paniculatum LAM.) EM DIFERENTES GRAUS DE MATURAÇÕES, TEMPERATURA E SUBSTRATOS. In: III CONGRESSO DE PESQUISA E POS-GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE DO IF GOIANO, 2014, RIO VERDE. ANAIS DO III CONGRESSO DE PESQUISA E POS-GRADUAÇÃO DO CAMPUS RIO VERDE DO IF GOIANO, 2014.

10.
SALES, J. F.; SILVA, L. A. ; FREITAS, B. S. M. ; REIS, K. V. ; SILVA, G.P. . Análise do vigor de sementes de baru classificadas pelo teste de tetrazólio após o armazenamento. In: II BIOPROSPECTAR, 2013, Rio Verde. II BIOPROSPECTAR, 2013.

11.
SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; SILVA, L. A. ; FRANCA, S. C. . Caracterização Anatômica e Histoquímica de Sementes de Pequi.. In: II BIOPROSPECTAR, 2013, Rio Verde. II BIOPROSPECTAR, 2013.

12.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; FERREIRA, P. H. C. M. ; SILVA, G.P. ; FREITAS, B. S. M. ; FRANCA, S. C. . CURVA DE EMBEBIÇÃO E GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE CAGAITA (Eugenia dysenterica DC).. In: II BIOPROSPECTAR, 2013, Rio Verde. II BIOPROSPECTAR, 2013.

13.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; FERREIRA, P. H. C. M. ; FRANCA, S. C. ; FREITAS, B. S. M. ; SILVA, G.P. . . INFLUÊNCIA DA SECAGEM NA EMERGÊNCIA E NO CRESCIMENTO INICIAL DE PLÂNTULAS DE CAGAITA. In: II BIOPROSPECTAR, 2013, Rio Verde. II BIOPROSPECTAR, 2013.

14.
Gazolla, A.P.. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; SILVA, Fabiano Guimarães ; HARA, A. C. B. A. M. ; BRITO, M. F. . INdução de calogênseem Physalis spp. In: 2° Bioprospectar - sustentabilidadena geração de serviços e processos no Centro-Oeste, 2013, Rio Verde. Anais do 2° Bioprospectar, 2013.

15.
SILVA, L. A. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; OLIVEIRA, J. A. ; LARA, T. S. ; SANTOS, H. O. . Concentração de açúcares em sementes de curriola (Pouteria ramiflora (Mart.)- Sapotaceae) em dois estádios de maturação e submetidas à secagem. In: 1° Bioprospectar, 2012, Rio Verde. Anais do 1° Bioprospectar, 2012.

16.
FERREIRA, P. H. C. M. ; SILVA, L. A. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; GUIMARAES, L. ; SILVA, G.P. ; FREITAS, B. S. M. . Efeito da secagem na qualidade fisiológica de sementes de jarrinha (Aristolochia cymbifera Mart & Zucc). In: 1° Bioprospectar, 2012, Rio Verde. Anais do 1° Bioprospectar, 2012.

17.
RUBIO NETO, A. ; FREITAS, B. S. M. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; SILVA, Fabiano Guimarães ; Pires, L.L. . Efeito do armazenamento na viabilidade, germinação e crescimento inicial de plântulas de macaúba. In: 1° Bioprospectar, 2012, Rio Verde. Anais do 1°Bioprospectar, 2012.

18.
SILVA, L. A. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; OLIVEIRA, J. A. ; LARA, T. S. ; SANTOS, H. O. . Influência da secagem na concentração de açúcares em sementes de cafezinho-do-cerrado (Rhamnidium elaeocarpum reissek - Rhamnaceae). In: 1°Bioprospectar, 2012, Rio Verde. Anais do 1° Bioprospectar, 2012.

19.
OLIVEIRA, J. C. ; RUBIO NETO, A. ; FERREIRA, P. H. C. M. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; SILVA, Fabiano Guimarães . Ajuste no teste de tetrazólio para embriões de palmeira jataí (Butia purpurascens). In: 1° Bioprospectar, 2012, Rio Verde. Anais do 1°Bioprospectar, 2012.

20.
SILVA, G.P. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; SILVA, L. A. ; FREITAS, B. S. M. ; FRANCA, S. C. ; DOURADO, L. . Influência da secagem no vigor de diásporos de boca-boa avaliada pelo teste de condutividade eletrica. In: 1° Bioprospectar, 2012, Rio Verde. Anais do 1°Bioprospectar, 2012.

21.
FERREIRA, P. H. C. M. ; SILVA, L. A. ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; GUIMARAES, L. ; FRANCA, S. C. . Influência da secagem e do tratamento com ácido na emergência de plântulas de jarrinha (aristolochia cymbifera Mart & Zucc). In: 1° Bioprospectar, 2012, Rio Verde. Anais do 1° Bioprospectar, 2012.

22.
SILVA, V. F. ; SALES, J. F. ; CAMPOS,R.C ; BRANQUINHO, A. C. . TOLERÂNCIA DE SEMENTES DE QUINA (Strychnos pseudoquina A. St. Hil) AO ARMAZENAMENTO EM NITROGÊNIO LÍQUIDO. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal- RN. Informativo Abrates, 2011.

23.
BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; Cabral, J.S.R. . TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO DE SEMENTES DE CAJU-DE-ÁRVORE-DO-CERRADO. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal- RN. Informativo Abrates, 2011.

24.
BRANQUINHO, A. C. ; Souza, A.L ; CAMPOS,R.C ; SALES, J. F. ; Neto, A. R. ; Silva, L.Q. . EFEITO DE DIFERENTES MÉTODOS DE ESCARIFICAÇÃO SOBRE A GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE TUCUMÃ DE GOIÁS Astrocaryum huaimi Mart. (Arecaceae). In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal- RN. Informativo Abrates, 2011.

25.
BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; CAETANO, G. S. S. . TOLERÂNCIA DE SEMENTES DE CAJU-DE-ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum Rizz.) AO ARMAZENAMENTO EM NITROGÊNIO LÍQUIDO. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal- RN. Informativo Abrates, 2011.

26.
Neto, A. R. ; BRANQUINHO, A. C. ; SALES, J. F. ; FREITAS, B. S. M. ; SILVA, F. G. . VELOCIDADE DE SECAGEM E TEORES DE ÁGUA NA VIABILIDADE E GERMINAÇÃO IN VITRO DE EMBRIÕES ZIGÓTICOS DE BABAÇUM (ORBYGNIA PHALERATA MART). In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal - RN. Informativo Abrates, 2011.

27.
ALVES, B. A. ; MEDEIROS,L.T ; SOUZA, R. G. ; SALES, J. F. ; BRANQUINHO, A. C. ; SOARES, F. A. L. ; BARROS JUNIOR, C. A. V. ; SOUZA, R. V. ; Fontes, A. J. . GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE PANICUM MAXIMUM CV. TANZÂNIA ARMAZENADAS COM DIFERENTES TEORES DE ÁGUA. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal - RN. Informativo Abrates, 2011.

28.
ALVES, B. A. ; MEDEIROS,L.T ; SOUZA, R. G. ; SALES, J. F. ; BRANQUINHO, A. C. ; SOARES, F. A. L. ; BARROS JUNIOR, C. A. V. ; SOUZA, R. V. . INFLUÊNCIA DA SECAGEM E DO ARMAZENAMENTO DE SEMENTES DE PANICUM MAXIMUM CV. MOMBAÇA. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal - RN. Informativo Abrates, 2011.

29.
SOUZA, R. G. ; SALES, J. F. ; MEDEIROS,L.T ; ALVES, B. A. ; BRANQUINHO, A. C. ; SOARES, F. A. L. ; BARROS JUNIOR, C. A. V. ; SOUZA, R. V. . INFLUÊNICA DA SECAGEM E DO ARMAZENAMENTO SOBRE A GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE BRACHIARIA BRIZANTHA CV. MG5 - VITÓRIA. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal - RN. Informativo Abrates, 2011.

30.
SALES, J. F.; MEDEIROS,L.T ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; PEREIRA, L. C. S. ; ALVES, B. A. ; SOUZA, R. G. ; BRANQUINHO, A. C. . CARACTERÍSTICAS ANATÔMICAS DE SEMENTES DE BRACHIARIA BRIZANTHA CV. MARANDU ARMAZENADAS EM DIFERENTES AMBIENTES. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal - RN. Informativo Abrates, 2011.

31.
VASCONCELOS, J. M. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; SALES, J. F. . Caracterização anatômica e histoquímica de folhas de Strychnos pseudoquina (A. ST. HIL). In: XVI Jornada de Biologia, 2008, Rio Verde-GO. XVI Jornada de Biologia, 2008.

32.
VASCONCELOS, J. M. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; LIMA, R.E ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. . Indução de brotações in vitro com diferentes concentrações de BAP em hipocótilo de quina.. In: XV Jornada de Biologia, 2007, Rio V erde, Go. Anais da XV Jornada de Biologia, 2007.

33.
SALES, J. F.; BOTREL, P. P. ; OLIVEIRA, C. B. A. ; SILVA, F. G. ; TININIS, A. G. ; FERRI, P. H. . Composição e teor de óleo essencial de hyptis marrubioides EPL, sob diferentes adubações.. In: IV Simpósio Brasileiro de Óleos essenciais., 2007, Fortaleza, CE.. IV Simpósio Brasileiro de Óleos essenciais., 2007.

34.
CARDOSO, T. V. ; VASCONCELOS, J. M. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; LIMA, R.E ; BARBOSA, L. C. P. . Tolerância a dessecação de sementes de quina (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.).. In: IV Jornada de Iniciação Científica e I Congresso de Iniciação Científica do CEFET de Rio Verde, 2007, Rio Verde-GO. IV Jornada de Iniciação Científica e I Congresso de Iniciação Científica do CEFET de Rio Verde, 2007.

35.
Neto, A. R. ; LIMA, R.E ; XIMENES, F. A. ; SANTANA, J. G. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. . Tolerância a dessecação de sementes de gabiroba (Campomanesia cambessedeana Berg.).. In: IV Jornada de Iniciação Científica e I Congresso de Iniciação Científica do CEFET de Rio Verde,, 2007, Rio Verde-GO. IV Jornada de Iniciação Científica e I Congresso de Iniciação Científica do CEFET de Rio Verde,, 2007.

36.
Neto, A. R. ; LIMA, R.E ; XIMENES, F. A. ; SANTANA, J. G. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. . Tolerância a dessecação de sementes de pequi (Caryocar brasiliense Camb.).. In: IV Jornada de Iniciação Científica e I Congresso de Iniciação Científica do CEFET de Rio Verde,, 2007, Rio Verde-GO. IV Jornada de Iniciação Científica e I Congresso de Iniciação Científica do CEFET de Rio Verde,, 2007.

37.
CARDOSO, T. V. ; VASCONCELOS, J. M. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; Neto, A. R. . Germinação de quina (Strychnos pseudoquina A. St. Hill.) em diferentes temperaturas. In: IV Jornada Ciêntífica / I Congresso de Iniciação Ciêntífica do CEFET - Rio Verde, 2007, Rio Verde. IV Jornada Ciêntífica / I Congresso de Iniciação Ciêntífica do CEFET - Rio Verde, 2007.

38.
Neto, A. R. ; XIMENES, F. A. ; SALES, J. F. ; SANTANA, J. G. ; SILVA, F. G. . Efeito de diferentes concentrações de sais MS na germinação in vitro de sementes de gabiroba.. In: XIX Congresso Brasileiro de Fruticulura., 2006, Cabo Frio, RJ.. Fruticultura Brasileira, 2006. p. 330-330.

39.
SOARES, C. S. ; Neto, A. R. ; GUIMARAES, D. F. ; MARTINS, M. A. F. ; SALES, J. F. ; SANTANA, J. G. ; SOUCHIE, E. L. ; SILVA, F. G. . Efeito de Diferentes Substratos na Germinação de Sementes de Gabiroba. In: XIX Congresso Brasileiro de Fruticultura, 2006, Cabo Frio. XIX CBF, 2006.

40.
BOTREL, P. P. ; SALES, J. F. ; FIGUEIREDO, F. C. ; CASTRO, E. M. ; PINTO, J. E. B. P. ; MELO, L. A. ; SILVA, F. G. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Alterações anatômicas das folhas de Hyptis marrubioides em função da calagem, adubação orgânica e mineral.. In: 45º Congresso Braileiro de Olericultura., 2005, Fotaleza, CE. Anais., 2005.

41.
BOTREL, P. P. ; SALES, J. F. ; FIGUEIREDO, F. C. ; CASTRO, E. M. ; SERAPHIN, J. C. ; MELO, L. A. ; SILVA, F. G. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Alterações anatômicas das folhas de Hyptis marrubioides (Lamiaceae) submetidas a diferentes regimes hídricos e tempos de coleta.. In: 45º Congresso Brasileiro de Olericultura., 2005, Fortaleza, CE.. Anais., 2005.

42.
BOTREL, P. P. ; PINTO, J. E. B. P. ; FIGUEIREDO, F. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Determinação da curva de crescimento de calos de hortelã-do-campo (Hyptis marrubioides).. In: 2º Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos., 2005, Fortaleza, CE.. Anais., 2005.

43.
FERNANDES, K. R. G. ; SALES, J. F. ; XIMENES, F. A. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Efeito de diferentes concentrações de GA3 e sais MS na germinação in vitro de sementes de cagaita.. In: 45º Congresso Brasileiro de olericultura, 2005, Fortaleza, CE. Anais., 2005.

44.
SANDIM, T. M. ; BORGES, R. T. ; XIMENES, F. A. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; SANTANA, J. G. . Implantação in vitro de caju-de-arvore-do-cerrado [Anacardium othonianum (Rizz) Anacardiaceae].. In: 45º Congresso Brasileiro de Olericultura., 2005, Fortaleza, CE. Anais., 2005.

45.
SILVA, F. G. ; JANUARIO, A. H. ; PINTO, J. E. B. P. ; NASCIMENTO, V. E. ; BARIZAN, W. S. ; SALES, J. F. ; FRANCA, S. C. . Teor de flavonóides e ácido clorogênico em calos de carqueja cultivados em diferentes concentrações de cinetina.. In: 45º Congresso Brasileiro de Olericultura., 2005, Fortaleza, CE.. Anais., 2005.

46.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; NASCIMENTO, V. E. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Variação sazonal no teor de fenóis totais em populações silvestre e cultivada de carqueja.. In: 45º Congresso Brasileiro de olericultura., 2005, Fortaleza, CE.. Anais., 2005.

47.
OLIVEIRA, C. B. A. ; SILVA, F. G. ; SANTOS, M. R. ; FERRI, P. H. ; SALES, J. F. ; SERAPHIN, J. C. ; PAULA, J. R. ; NASCIMENTO, V. E. . Chemical variability in essential oil of Hyptis marrubioides Epl.. In: International Symposium on the breaking and II Latin American Symposium on the Medicinal, Aromatic and Condiment Plants, 2004, Campinas, SP. Proceedings of International Symposium on the breaking and II Latin American Symposium on the Medicinal, Aromatic and Condiment Plants, 2004.

48.
SANTOS, M. R. ; OLIVEIRA, C. B. A. ; SILVA, F. G. ; FERRI, P. H. ; SALES, J. F. ; SERAPHIN, J. C. ; PAULA, J. R. ; NASCIMENTO, V. E. ; PINTO, J. E. B. P. . Chemical Variability of essential oil of Baccharis trimera.. In: International Symposium on the breaking and II Latin American Symposium on the Medicinal, Aromatic and Condiment Plants, 2004, Campinas, SP. Poceedings of International Symposium on the breaking and II Latin American Symposium on the Medicinal, Aromatic and Condiment Plants, 2004.

49.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Efeito do explante, luz e fitorreguladores na indução de calos de carqueja. In: I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos, 2003, Lavras, MG. I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos, 2003.

50.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Indução de calos de carqueja em meios suplementados com diferentes auxinas. In: I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos, 2003, Lavras, MG. I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos.

51.
SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; BOTREL, P. P. ; SILVA, F. G. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Germinação in vitro de Hyptis marrubioides. In: I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos, 2003, Lavras, MG. I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos, 2003.

52.
SALES, J. F.; PINTO, J. E. B. P. ; GAVILANES, M. L. ; SILVA, F. G. ; BOTREL, P. P. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Teor de óleo essencial em hortelã-do-campo coletados em diferentes localidades e submetidos a tratamentos pós-colheita. In: II Simpósio Brasileiro de Óleos essenciais, 2003, Campinas, SP, 2003.

53.
NASCIMENTO, V. E. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; MOL, D. J. S. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Influência do processamento pós-colheita no teor de óelo essencial em carqueja. In: II Simpósio Brasileiro de Óleos essenciais, 2003, Campinas, SP, 2003.

54.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; NASCIMENTO, V. E. ; MOL, D. J. S. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Teor de óleo essencial em populações de carqueja colhidas em diferentes horários e épocas. In: II Simpósio Brasileiro de Óleos essenciais, 2003, Campinas, SP, 2003.

55.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; SALES, J. F. ; NASCIMENTO, V. E. ; MOL, D. J. S. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Teor de óleo essencial em populações silvestres e cultivadas de carqueja, colhidas emdiferenteshorários e épocas. In: II Simpósio Brasileiro de Óleos essenciais, 2003, Campinas, SP, 2003.

56.
SILVA, F. G. ; FERRI, P. H. ; PINTO, J. E. B. P. ; SILVA, S. M. ; MONTEL, A. L. B. ; SALES, J. F. ; NASCIMENTO, V. E. . Influência do ciclo circadiano sobre a composição química do óleo essencial em populações de carqueja silvestres e cultivadas. In: II Simpósio Brasileiro de Óleos essenciais, 2003, Campinas, SP, 2003.

57.
DIVINO, S. P. ; PINTO, J. E. B. P. ; SILVA, F. G. ; SALES, J. F. ; NASCIMENTO, V. E. ; BERTOLUCCI, S. K. V. . Propagação in vitro de ápices de carqueja cultivados em diferentes temperaturas, concentrações e tempos de permanência em TDZ.. In: XV Congresso de iniciação científica da UFLA - CICESAL. Seminário de avaliação do PIBIC/CNPq e do PBIICT/FAPEMIG., 2002, Lavras, MG, 2002.

58.
REZENDE, L. C. ; ALVARENGA, A. A. ; SALES, J. F. ; VEIGA, A. D. . Estudos biotecnológicos visando redução do tempo de germinação e formação de mudas de cafeeiro (Coffea arabica L.). In: XV Congresso de iniciação científica da UFLA - CICESAL. Seminário de avaliação do PIBIC/CNPq e do PBIICT/FAPEMIG., 2002, Lavras, MG, 2002.

59.
LIMA JÚNIOR, E. C. ; SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; CASTRO, E. M. ; SALES, J. F. ; BONILLA, M. G. O. ; DIVINO, S. P. . Características anatômicas de plantas de carqueja cultivadas em diferentes níveis de irradiância. In: VII Seminário Mineiro de Plantas medicinais, 2001, Montes Claros. VII Seminário Mineiro de Plantas medicinais, 2001. p. 26-26.

60.
REZENDE, L. C. ; VEIGA, A. D. ; ALVARENGA, A. A. ; SALES, J. F. . Estudos Biotecnológicos visando redução do tempo de germinação de sementes e formação de mudas do cafeeiro (Coffea arabica L cv. Catuaí). In: XIV Congresso de iniciação científica da UFLA - CICESAL. Seminário de avaliação do PIBIC/CNPq e do PBIICT/FAPEMIG., 2001, Lavras, MG, 2001.

61.
SILVA, F. G. ; PINTO, J. E. B. P. ; GUIMARÃES, R. M. ; SALES, J. F. ; SANTIAGO, E. J. A. ; LIMA, P. S. G. . Estudo da germinação de carqueja (Baccharis trimera Less DC). In: XVI Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2000, Recife-PE. XVI Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil, 2000.

62.
SALES, J. F.; ALVARENGA, A. A. ; OLIVEIRA, J. A. ; NOGUEIRA, F. D. . Métodos Alternativos para aceleração da germinação de sementes de café (Coffea arabica L.) cv. Mundo Novo.. In: IX Congresso de Pós Graduação da UFLA, 2000, Lavras, MG, 2000.

Artigos aceitos para publicação
1.
BARBOSA, K.F ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; RESENDE, O. ; OLIVEIRA, D. E. C. ; CABRAL, A. L. ; LOPES FILHO, L. C. . Thermodynamic properties of Anacardium humile St. Hil. (cajuzinho-do-cerrado) achenes. Semina-Ciencias Agrarias, 2018.

2.
BARBOSA, K.F ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; SILVA, Fabiano Guimarães ; Vitorino, L.C. ; SOARES, J. P. ; CABRAL, A. L. . Cryopreservation as an alternative for conservation of Anacardium humile (Monkey nut) achene. AUSTRALIAN JOURNAL OF CROP SCIENCE (ONLINE), 2018.

3.
DRUMOND, A. A. L. ; SALES, J. F. ; ZUCHI, J. ; CAMELO, G. N. ; SOUZA, M. M. V. . Physiological quality of castor bean seed genotypes stored at two temperatures. ACTA SCIENTIARUM. AGRONOMY (IMPRESSO), 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
BARBOSA, L. C. S. ; ROCHA, D. I. ; ASSIS, N. P. C. ; ROCHA, M. M. ; DE FÁTIMA SALES, JULIANA ; ZUCHI, J. . ANÁLISE DO DESENVOLVIMENTO PÓS-SEMINAL DE DELONIX REGIA (BOJER EX HOOK.) RAF. (FABACEAE, CAESALPINOIDEAE). 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
BARBOSA, L. C. S. ; DE FÁTIMA SALES, JULIANA ; SILVA, Fabiano Guimarães ; DIAS, L. L. L. ; ZUCHI, J. ; ROCHA, D. I. . ANÁLISE ULTRAESTRUTURAL DO TEGUMENTO DE SEMENTES DE DELONIX REGIA (BOJER EX HOOK.) RAF., SOB DIFERENTES MÉTODOS PRÉ- GERMINATIVOS PARA SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
DRUMOND, A. A. L. ; ZUCHI, J. ; SALES, J F ; COSTA, T. R. ; SOUZA, M. M. V. . GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE MAMONA SUBMETIDAS AO ARMAZENAMENTO EM DIFERENTES TEMPERATURAS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
DRUMOND, A. A. L. ; ZUCHI, J. ; SALES, J F ; COSTA, T. R. ; SOUZA, M. M. V. . INFLUÊNCIA DO TEMPO DE ARMAZENAMENTO EM DIFERENTES TEMPERATURAS NA EMERGÊNCIA DE SEMENTES DE MAMONA. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
CABRAL, P. R. ; DRUMOND, A. A. L. ; ZUCHI, J. ; DE FÁTIMA SALES, JULIANA ; SOUZA, M. M. V. ; CALDAS, L. J. M. . CONDUTIVIDADE ELÉTRICA DE SEMENTES DE GENÓTIPOS DE MAMONA SOB ARMAZENAMENTO EM DIFERENTES TEMPERATURAS. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
ALVES, B. A. ; BRANQUINHO, A. C. ; MEDEIROS,L.T ; SALES, Juliana de Fátima ; Silva, J.W ; SOUZA, R. G. . INFLUENCIA DA PRÉ-SECAGEM E DO ARMAZENAMENTO NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE CAPIM-TANZÂNIA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; FREITAS, B. S. M. ; RODRIGUES, D. A. ; SILVA, L. A. . ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS E HISTOQUÍMICAS EM SEMENTES DE BARU APÓS O ARMAZENAMENTO. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; SILVA, L.A. ; FRANCA, S. C. ; MARTINS, J. M ; FERREIRA, P. C . ATIVIDADE RESPIRATÓRIA DE DIÁSPOROS DE Buchenavia tomentosa EM FUNÇÃO DO TEOR DE ÁGUA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
BARBOSA, K.F ; SALES, J. F. ; SILVA, G.P. ; SILVA, L. A. ; PINTO, A. L . VIABILIDADE DE SEMENTES DE CROADA PELO TESTE DE TETRAZÓLIO. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; SOARES, M.A. ; FERREIRA, P. H. C. M. ; SILVA, G.P. ; PINTO, A. L . PADRÃO ELETROFORÉTICO DE DIFERENTES ENZIMAS E DE PROTEÍNAS RESISTENTES AO CALOR EM SEMENTES DE Rhamnidium elaeocarpum Reissek, SUBMETIDAS À SECAGEM. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; FERREIRA, P. H. C. M. ; SILVA, G.P. ; REIS, K. V. ; FREITAS, B. S. M. . AVALIAÇÃO DE DANOS DECORRENTES DA SECAGEM EM SEMENTES DE Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk. PELO TESTE DE RAIOS X. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
FRANCA, S. C. ; SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; REIS, K. V. ; PINTO, A. L ; MARTINS, J. M . ARMAZENAMENTO DE DIÁSPOROS DE PEQUI. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; SILVA, L. A. ; FREITAS, B. S. M. ; FRANCA, S. C. . INFLUÊNCIA DA SECAGEM NO VIGOR DE DIÁSPOROS DE BOCA-BOA AVALIADA PELO TESTE DE CONDUTIVIDADE ELÉTRICA. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; OLIVEIRA, J. A. ; SANTOS, H. O. . Concentração de açucares em sementes de curriola [Pouteria ramiflora (Mart.) - Sapotaceae] em dois estádios de maturação e submetidos a secagem. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

15.
SILVA, L. A. ; SALES, J. F. ; OLIVEIRA, J. A. ; SANTOS, H. O. . INFLUÊNCIA DA SECAGEM NA CONCENTRAÇÃO DE AÇÚCARES EM SEMENTES DE CEFEZINHO-DO-CERRADO (Rhamnidium elaeocarpum REISEK - RHAMNACEAE). 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

16.
Neto, A. R. ; FREITAS, B. S. M. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Efeito do armazenamento na viabilidade, germinação e crescimento inicial de plântulas de macaúba. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
SALES, J. F.. Biotecnologia em espécies vegetais.. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
SALES, Juliana de Fátima. Biotecnologia em espécies vegetais. 2006. (Minicurso ministrado).

3.
SALES, JULIANA DE FATIMA. Plantas Medicinais do Cerrado. 2005. (Palestra ministrada).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
DE FÁTIMA SALES, JULIANA; ZUCHI, J.; NASCIMENTO, K. J. T.. Participação em banca de Gabrielle Muller Vitorino. Ultrasecagem e armazenamento de sementes de Baru (Dipteryx alata Vog.): aspectos fisiológicos e bioquímicos. 2018. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade e Conservação) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

2.
VASCONCELOS FILHO, S. C.; SALES, JULIANA DE FATIMA; ASSIS, E. S.. Participação em banca de Letícia Rigonato de Lima. Anatomia foliar de três subespécies de Hancornia speciosa (Gomes) provenientes de cultivo ex situ, in vitro e ex vitro. 2018. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade e Conservação) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

3.
SALES, Juliana de Fátima. Participação em banca de Cláudia Barrios de Libório. SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA EM SEMENTES DE Brachiaria humidicola cv. BRS TUPI. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano.

4.
SALES, J. F.; MEDEIROS,L.T; FRASSETO, G. E.. Participação em banca de Nulciene Firmino de Freitas. Características Bromatológicas e químicas do Amendoim Forrageiro Cultivados Sob níveis de Sombreamento.. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde.

5.
OLIVEIRA, J. A.; GUIMARÃES, R. M.; SALES, J. F.. Participação em banca de Bruno Oliveira Carvalho. Fungicida e ativador de defesa no controle da ferrugem asiática na produção e na qualidade de sementes de soja.. 2012. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

6.
PINTO, J. E. B. P.; CARVALHO, G. A.; SALES, J. F.; SILVA, F. G.. Participação em banca de Priscila Pereira Botrel. Influência de genótippos, ambientes de cultivo e variação sazonal no teor e composição do óleo essencial de Hyptis marrubioides EPLING e seu efeito sobre formigas saúva-limão.. 2009 - Universidade Federal de Lavras.

7.
Campos, H.D.; SALES, J. F.; Braz, A.J.B.P.; Barroso, A.L.L.. Participação em banca de Tatiane Lika Hattori Rodrigues. Influência do tempo de armazenamento na patologia e fisiologia de sementes de soja [Glycine max (L)] tratadas com funjicidas.. 2006. Dissertação (Mestrado em Mestrado em produção Vegetal) - Universidade de Rio Verde.

Teses de doutorado
1.
DE FÁTIMA SALES, JULIANA; CAMELO, G. N.; Vitorino, L.C.; ZUCHI, J.; SILVA, F. H. L. E.. Participação em banca de Karine Feliciano Barbosa. Qualidade fisiológica e propriedades físicas de sementes de mamona sob diferentes métodos de colheita e armazenamento criogênico. 2018. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

2.
DE FÁTIMA SALES, JULIANA; CAMELO, G. N.; ZUCHI, J.; MENINO, G. C. O.; MINAFRA, C. S.. Participação em banca de Ana Lúcia Cabral. Alterações fisiológicas e bioquímicas em sementes Sapindus saponaria L. durante o armazenamento. 2018. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

3.
JULIANA, DE FÁTIMA SALES; CAMELO, G. N.; ZUCHI, J.; MACHADO, C. G.; RESENDE, O.. Participação em banca de Anailda Angélica Lana Drumond. Higroscopicidade e qualidade fisiológica de sementes de mamona submetidas ao beneficiamento e armazenamento. 2018. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

4.
SALES, JULIANA DE F.; RUBIO NETO, A.; CAMELO, G. N.; ZUCHI, J.; NASCIMENTO, K. J. T.. Participação em banca de Glicélia Pereira Silva. Qualidade fisiológica de sementes de baru e pequi submetidas à secagem e ao armazenamento. 2017. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

5.
JULIANA, DE FTIMA SALES; COELHO, C. P.; REIS, E. F.; ZUCHI, J.; RUBIO NETO, A.. Participação em banca de Érica Virgínia Estefane de Jesus Amaral. CARACTERIZAÇÃO PALINOLÓGICA E MOLECULAR, ANÁLISE DE IMAGENS RADIOGRÁFICAS EM SEMENTES E FITOTOXIDEZ DO ALUMÍNIO NO CRESCIMENTO RADICULAR DE Campomanesia (MYRTACEAE). 2016. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás.

6.
SALES, J. F.; Pires, L.L.; SILVA, F. G.; PEREIRA, F.D.; SIBOV, S. T.; Seleguine, A.. Participação em banca de Aurélio Rubio Neto. Viabilidade de embriões de macaúba [(Acrocomia aculeata (Jacq.) Loddiges ex Mart] e babaçu (Orbignya phalerata Mart.) em função da maturação e da secagem dos frutos.. 2013. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade Federal de Goiás.

7.
PINTO, J. E. B. P.; SALES, J. F.; BERTOLUCCI, S. K. V.; CARVALHO, G. A.; NUNES, C.A.. Participação em banca de PRISCILA PEREIRA BOTREL.. Micropropagação, teor e composição química volátil de Hyptis marrubioides EPL. e atividade inseticida.. 2012. Tese (Doutorado em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

8.
OLIVEIRA, J. A.; SALES, J. F.; GUIMARÃES, R. M.; VIEIRA, A.R.; ROSA, S.D.V.F. Participação em banca de ISIS BARRETO DANTAS.. INFLUENCIA DO TEOR DE LIGNINA NA QUALIDADE E ARMAZENABILIDADE DE SEMENTES DE SOJA INOCULADAS COM Aspergillus flavus e Penicillium sp.. 2012. Tese (Doutorado em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

Qualificações de Doutorado
1.
DE FÁTIMA SALES, JULIANA; RESENDE, O.; ZUCHI, J.; BESSA, J. F. V.; GONCALVES, P. J. R. O.. Participação em banca de Anailda Angélica Lana Drumond. Qualidade fisiológica no armazenamento e secagem de sementes de mamona. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

2.
JAKELAITIS, A.J.; SALES, JULIANA DE F.; MARTINS, P. F.; SOUCHIE, E. L.. Participação em banca de Cíntia Faria da Silva. Micro-organismos endofíticos de raízes de Aloe vera (L.) Burm, F. e seu potencial biotecnológico. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Pós-graduação em Biotecnologia e Biodiversidade) - Universidade Federal de Goiás.

3.
SALES, J F; MARTINS, P. F.; PINTO, G. A.; GONCALVES, P. J. R. O.; Vitorino, L.C.. Participação em banca de Paula Sperotto Alberto Faria. Ecologia e diversidade de bactérias endofíticas de A. othonianum Rizz. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Biotecnologia e Biodiversidade) - Universidade Federal de Goiás.

4.
SALES, J F; ZUCHI, J.; ROCHA, D. I.; NASCIMENTO, K. J. T.; VASCONCELOS FILHO, S. C.. Participação em banca de Lília Cristina de Souza Barbosa. Morfoanatomia e mobilização de reservas na germinação e desenvolvimento pós-seminal de Delonix regia (Bojer ex Hook.) Raf. (Fabaceae: Caesalpinoideae). 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

5.
JULIANA, DE FTIMA SALES; ZUCHI, J.; RUBIO NETO, A.; NASCIMENTO, K. J. T.; SOUZA, L. A.. Participação em banca de Ana Lúcia Cabral. SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA E GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE Sapindus Saponaria L.: UMA ESPÉCIE MEDICINAL NATIVA DO CERRADO. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás.

6.
JULIANA, DE FATIMA SALES; ZUCHI, J.; RUBIO NETO, A.; NASCIMENTO, K. J. T.; SOUZA, L. A.. Participação em banca de Melícia Ingredi Araújo Gavazza. Escarificação mecânica e semeadura em areia potencializa o desempenho fisiológico de sementes de Sterculia striata A. St.-Hil & Naudin. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás.

7.
SALES, Juliana de Fátima. Participação em banca de Thaís Adrina de Souza Smaniotto. Qualidade fisiológica das sementes de algodão com e sem línter em diferentes condições. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano.

8.
SALES, Juliana de Fátima. Participação em banca de Isabel Cristina Mendonça Cardoso Jacoby. Fracionamento do fósforo em solos: comparação de metodologia. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano.

9.
SALES, Juliana de Fátima; MACHADO, C. G.; CAMELO, G. N.; ZUCHI, J.; DALVI, V. C.. Participação em banca de Érica Virgínia Estêfane de Jesus Amaral. ARMAZENAMENTO DE SEMENTES DE GABIROBA (Campomanesia pubescens) SOB DIFERENTES TEMPERATURAS E TEORES DE ÁGUA. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano.

10.
OLIVEIRA, J. A.; SALES, J. F.; Carvalho, M. L. M.. Participação em banca de Cibelem Aparecida Teixeira da Silva. Análise de imagens radiográficas na avaliação do grau de infestação de sementes comerciais de milho.. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

11.
GUIMARÃES, R. M.; SALES, J. F.; SANTOS, F.C.. Participação em banca de ELISE MATOS PEREIRA. Avaliação da qualidade fisiológica de sementes de pimenta e pimentão por meio da atividade respiratória.. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

12.
Carvalho, M. L. M.; SALES, J. F.; GUIMARÃES, R. M.; Bruzi, A.T.. Participação em banca de Humberto Pereira da Silva. Maturação, colheita e secagem de sementes de tabaco. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

13.
PINTO, J. E. B. P.; TIMBÓ, A. L. O. ( Ana Luiza De Oliveira Timbó; CHAGAS, J. H.; SALES, J. F.. Participação em banca de Priscila Pereira Botrel. Micropropagação, teor e composição química deo óleo essencial de Hyptis marrubioides EPL em diferentes acesso. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

14.
Carvalho, M. L. M.; Von Pinho, E. V. R.; SALES, J. F.. Participação em banca de Nayara Roberto Gonçalves. Adubação Foliar com boro na produção, qualidade e composição química de sementes de girassol.. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Agronomia (Fitotecnia)) - Universidade Federal de Lavras.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
SALES, J. F.; SILVA, F. G.; COSTA, A. C.. Participação em banca de Wainer Gomes Gonçalvas. Estudo das respostas fisiológicas de plantas de pinhão-manso (jatropha curcas L.) à restrição hídrica no solo.. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Aperfeiçoamento/Especialização em Biodiesel) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano/Campus Rio Verde.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
SALES, J F; ZUCHI, J.; JAKELAITIS, A.J.. Participação em banca de Alana Cristina Ferreira Araújo.Emergência e crescimento inicial de plantas de soja inoculadas com diferentes microrganismos. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde.

2.
SALES, J. F.; SILVA, L. A.; CABRAL, A. L.. Participação em banca de Bethânia Silva Morais de Freitas.VIGOR DE SEMENTES DE BARU (Dipteryx alata Vog) SUBMETIDAS AO ARMAZENAMENTO. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano.

3.
Resende, O.; SALES, J. F.; Sousa, k.A.. Participação em banca de Renan Ullmann.Secagem e armazenamento de sementes de girassol. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano.

4.
Alves, J.M.; SOUCHIE, E. L.; SALES, J. F.. Participação em banca de Ana Carolina Oliveira Horschutz.Efeito do volume de substrato, matéria orgânica e saturação por bases na produção de mudas de Pinhão-Mando (Jatropha curcas.L). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Produção de Grãos) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde.

5.
SILVA, F. G.; SALES, J. F.; Silva, L.C.. Participação em banca de Letícia Cristine Pires Barbosa.Micropropagação de Cagaita (Eugenia dysenterica DC.), como forma de disponibilização de mudas para recuperação de áreas degradadas.. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Produção de Grãos) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde.

6.
SALES, J. F.; Silva, L.C.; XIMENES, F. A.. Participação em banca de Thálita Vaz Cardoso.Germinação de quina [Strychnos pseudoquina A. Stt. Hil (Loganiaceae)] em função do teor de água e armazenamento das sementes.. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Produção de Grãos) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde.

7.
SANTANA, J. G.; SALES, J. F.; SILVA, F. G.. Participação em banca de Aurélio Rubio Neto.Micropropagação de pequi (Cariocar brasiliense Camb.) e gabiroba (Campomanesia cambessedeana Berg.) como forma de disponibilização de mudas para o reflorestamento.. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Tecnologia em Produção de Grãos) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SALES, JULIANA DE F.. Banca de avaliação de candidatos na prova de desempenho didático, projetos e títulos no concurso público para o provimento de professor efetivo de ensino básico, técnico e tecnológico do IF Goiano, Campus Rio Verde, na área de Agronomia. 2017. IFGoiano, Campus Rio Verde.

2.
SALES, J. F.. Banca examinadora do concurso público do departamento de biologia (ciências biológicas, botânica e anatomia vegetal). 2015. Universidade Federal de Lavras.

3.
SALES, J. F.; COSTA, A. C.; Telles, A.M.. Presidente da Banca de Concurso Público para professor efetivo do IFGoiano/Campus Rio Verde, na área de Ciências Biológicas. 2009. Instituto Federal Goiano.

4.
SALES, J. F.. Participação na banca do Concurso Público para professor efetivo na área de Ciências Biológicas do Centro Federal de Educação Tecnológica de rio Verde.. 2008. Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde.

5.
SALES, J. F.. Participação em Banca Examinadora de Concurso Público para Professor Efetivo.. 2005. Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde, GO..

Outras participações
1.
COSTA, A. C.; BARBOSA JUNIOR, J. A. F.; CARLOS, L.; MEDEIROS, L. F. R.; SALUSTIANO, S. F. M.; FARNESE, F. S.; SILVA, P. E. M.; OLIVEIRA, S. M. S. L.; DALVI, V. C.; MORAES, A. R.; RUBIO NETO, A.; CAMPIS, B. O.; VIEIRA, E. A.; MENINO, G. C. O.; PASSOS, H. S.; JULIANA, DE FÁTIMA SALES. Comissão Central de Gestão do Jardim Botânico Rio Verde, vinculado ao Campus Rio Verde, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano. 2016. IFGoiano, Campus Rio Verde.

2.
JULIANA, DE FÁTIMA SALES. Avaliador de trabalhos no V Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do Campus Rio Verde, VI Seminário de Avaliação dos Programas de Pós-Graduação Acadêmicos e II Seminário de Avaliação dos Programas de Pós-Graduação Profissionais. 2016. IFGoiano, Campus Rio Verde.

3.
SALES, J. F.. Comissão responsável pela elaboração e encaminhamento do projeto para registro do Lardim Botânico de Rio Verde. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano.

4.
MORAES, A. R.; BORGES, L. R. S. S.; JULIANA, DE FÁTIMA SALES; MENINO, G. C. O.; DYSZY, F. H.; MENDONCA, M. A. C.; RESENDE, O.. Comissão responsável pela elaboração do projeto para implantação do Mestrado em Biodiversidade, deste Câmpus Rio Verde do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano, por meio do APCN (Aplicativo para Propostas de Cursos Novos) para envio a CAPES.. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano.

5.
SALES, J. F.. Presidente da Comissão para criação do curso de Ciências Biológicas. 2007. Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde.

6.
SALES, J. F.. Participação na Comissão para Alteração da Matriz Curricular do Curso de Biologia.. 2005. Universidade de Rio Verde.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VIII ISHS Symposium on Mineral Nutrition of Fruit Crops.Evaluation of growth and anatomical root structure of Campomanesia pubescens (Mart. ex DC.) O.Berg (Myrtaceae) under different concentrations of Aluminium. 2017. (Simpósio).

2.
62nd International Congress and Annual Meeting of the Society for Medicinal Plant and Natural Product Research (GA). CONTENT AND CHEMICAL COMPOSITION OF THE ESSENTIAL OIL FROM Byrsonima verbascifolia Rich. ex A. Juss. COLLECTED IN DIFFERENT SEASONS AND TIMES OF DAY. 2014. (Congresso).

3.
V Congresso de Iniciação Científica. 2011. (Congresso).

4.
XVII Congresso Brasileiro de Sementes. TOLERÂNCIA DE SEMENTES DE QUINA (STRYCHNOS PSEUDOQUINA A. ST. HIL) AO ARMAZENAMENTO EM NITROGÊNIO LÍQUIDO.. 2011. (Congresso).

5.
II WORKSHOP AND V ADVANCED COURSE ON SEED PHYSIOLOGY AND TECHNOLOGY: SEED RESERARCH IN TEHE "OMICS" ERA.. 2008. (Seminário).

6.
.Semana do Meio Ambiente. 2005. (Simpósio).

7.
.XIII Jornada de Biologia. 2005. (Simpósio).

8.
CBCEARÁ: 45 Congresso Brasileiro de Olericultura e 2 Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas. CBCEARÁ: 45 Congresso Brasileiro de Olericultura e 2 Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas. 2005. (Congresso).

9.
Seminário de Biologia.Seminário de Biologia. 2005. (Seminário).

10.
. 44º Congresso Brasileiro de Olericultura. 2004. (Congresso).

11.
I Semana Bio/Geo do Meio Ambiente.Semana do Meio Ambiente. 2004. (Simpósio).

12.
XII Jornada de Biologia.XII Jornada de Biologia. 2004. (Simpósio).

13.
. I Congresso Brasileiro de Cultura de Tecidos de Plantas. 2003. (Congresso).

14.
.XI Jornada de Biologia. 2003. (Simpósio).

15.
.Curso Avançado em Fisiologia e Tecnologia de Sementes.. 2001. (Simpósio).

16.
VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. VIII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. 2001. (Congresso).

17.
.I Workshop sobre Metabolismo Secundário. 2000. (Simpósio).

18.
.III Workshop sobre avanços na Propagação de Plantas Lenhosas. 2000. (Simpósio).

19.
.I Conferência Municipal de Educação. 1999. (Simpósio).

20.
.III Seminário De Extensão - Identidade e Cidadania. 1998. (Seminário).

21.
.Curso de Capacitação para professores do Programa de Educação Ambiental.. 1998. (Encontro).

22.
.XI Encontro Regional da Sociedade Brasileira de Química. 1997. (Encontro).

23.
XI Encontro Regional da Sociedade Brasileira de Química.Minicurso de Plantas Medicinais. 1997. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SALES, JULIANA DE F.. Membro da comissão organizadora do V CPPG - Congresso de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano Rio Verde. 2016. (Congresso).

2.
JULIANA, DE FÁTIMA SALES. Membro da Comissão Organizadora no I Curso Teórico - Prático de Avaliação da Qualidade Fisiológica de Sementes de Algodão promovido pelo(a) UFLA/ABRATES realizado no período de 18/7/2016 a 20/7/2016 com duração de 20 horas.. 2016. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Jhonata Cantuária Medeiros. Qualidade de sementes de milho afetadas por molicutes e MRFV. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde. (Coorientador).

2.
Perciliana Lara Bueno Nogueira Franco. Avaliação de métodos de secagem e armazenamento de sementes de Anacardium othonianum. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade e Conservação) - IFGoiano, Campus Rio Verde. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Deyner Damas Aguiar Silva. Qualidade fisiológica e caracterização bioquímica de sementes de mamona híbrida durante o armazenamento. Início: 2017. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde. (Orientador).

2.
Lília Cristina de Souza Barbosa. Biologia da germinação e desenvolvimento pós-seminal de Delonix regia: Aspectos germinativos, morfoanatômicos e bioquímicos. Início: 2015. Tese (Doutorado em Ciências Agrárias) - IFGoiano, Campus Rio Verde. (Orientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
Kelly Juliane Teles Nascimento. Início: 2016. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

Iniciação científica
1.
Stella Tomaz de Castro. Qualidade de sementes de milho afetadas por molicutes e MRFV. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde. (Orientador).

2.
Moara Mariely Vinhais Souza. Respostas anti-oxidativas durante a germinação de sementes de Delonix regia (Fabaceae, Caesalpinoideae). Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. (Orientador).

3.
Lucas Dorneles da Silva. Temperatura e Substrato para o teste de germinação de sementes de Passiflora setacea. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. (Orientador).

4.
Natielly Marques de Carvalho. Temperatura e Substrato para o teste de germinação de sementes de Passiflora setacea. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
Stefane Souza Costa. Monitoria do Laboratório de Sementes. Início: 2017. Orientação de outra natureza. IFGoiano, Campus Rio Verde. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Gabrielle Muller Vitorino. Caracterização morfoanatômica e fisiológica de Mauritia Flexuosa, para desenvolvimento de protocolo de conservação.. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Biodiversidade e Conservação) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

2.
Karine Feliciano Barbosa. Higroscopicidade e criopreservação de Anacardium humile St Hil. 2015. Dissertação (Mestrado em Mestrado) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

3.
Luiz César Lopes Filho. Propriedades físicas e qualidade fisiológica de sementes de algodão durante o armazenamento. 2015. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

4.
Patrícia Oliveira da Silva. Produção de mudas de Hymenaea stigonocarpa Mart. ex Hayne com diferentes doses de N, P, K e calagem. 2015. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

5.
Renan Ullmann. AVALIAÇÃO DO SISTEMA DE EXAUSTÃO EM SILOS METÁLICOS. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

6.
Ana Paula Gazolla. Produção de compostos fenólicos por elicitação abiótica em Plântulas de Anacardium othonianum Rizz., cultivadas in vitro. 2014. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

7.
Jehane Oliveira. Qualidade fitossanitária e protocolo para germinação in vitro de sementes de Butia purpurascens Glassman, Acrocomia aculeata (Jacq.) Loodiges ex Mart. e Butia archeri Glassman. 2014. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

8.
Cássio Jardim Tavares. Efeitos de herbicidas dessecantes e de períodos de armazenamento sobre a qualidade de sementes do feijão azuki. 2014. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

9.
Glicelia Pereira Silva. Qualidade fisiológica de sementes de baru e pequi submetidas à secagem e ao armazenamento.. 2013. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

10.
Lílian Abadia da Silva. ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS E METABÓLICAS EM SEMENTES DE CAFEZINHO-DO-CERRADO (Rhamnidium elaeocarpum Reissek) E CURRIOLA (Pouteria ramiflora Mart. Radlk) SUBMETIDAS À SECAGEM E ASPECTOS MORFOLÓGICOS DA SEMENTE E DO DESENVOLVIMENTO PÓS-SEMINAL.. 2013. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

11.
ADRIELI NAGILA KESTER. Qualidade fisiológica das sementes de soja durante o beneficiamento e o armazenamento.. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

12.
Simone Borges Ferreira. INTERAÇÕES SOCIOECONÔMICAS NO SISTEMA SOJA E PREJUÍZOS CAUSADOS POR Euschistus heros (Hemiptera: Pentatomidae). 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

13.
Deborah Amorim Martins. GERMINAÇÃO DE SEMENTES, CRESCIMENTO E CARACTERÍSTICAS FISIOLÓGICAS DA PLANTA DANINHA SORGHUM ARUNDINACEUM. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

14.
Zirvaldo Zenid Virgolino. EFEITOS DA AERAÇÃO RESFRIADA EM SEMENTES DE SOJA (GLYCINE MAX) DURANTE O ARMAZENAMENTO. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

15.
Lenise Castilho Monteiro. Produção de sementes por híbridos intraespecíficos de Brachiaria decumbens.. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

16.
Gleiciane de Lima Benteo. Eficiência de N e K na produção de sementes de genótipos de Panicum em pré-lançamento. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

17.
Arthur Almeida Rodrigues. Avaliação da toxidade de alumínio em cagaita.. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

18.
NULCIENE FIRMINO DE FREITAS. Características anatômicas bromatológicas e químicas do amendoim forrageiro cultivadas sob níveis de sombreamento.. 2013. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

19.
Graciene de Souza Caetano. HIGROSCOPICIDADE E CRIOPRESERVAÇÃO DE SEMENTES DE CAJÚ-DE ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum).. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

20.
Henrique A. O. Lourenço. Teor e composição química do óleo essencial de espécies nativas dos cerrados em função da sazonalidade, horário de coleta e variação geográfica.. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

21.
Jaqueline Ferreira Vieira Bessa. QUALIDADE DAS SEMENTES DE CRAMBE DURANTE O ARMAZENAMENTO.. 2012. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

22.
Marcus Vinícius Vieira da Silva. Qualidade fisiológica de embriões de babaçu (Orbignya phalerata Mart.) armazenados com diferentes teores de água.. 2011. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

23.
APOLYANA LORRAYNE SOUZA. SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA EM SEMENTES DE TUCUMÃ DE GOIÁS (Astrocaryum huaimi Mart.). 2011. Dissertação (Mestrado em MESTRADO EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

24.
Valdiney Cambuy Siqueira. Propriedades físicas e secagem dos grãos de pinhão manso (Jatropha Curcas L.).. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

25.
Lilian Moreira Costa. Estudo da secagem do crambe e avaliação da qualidade das sementes durante o armazenamento.. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

26.
Kelly Aparecida de Souza. Estudo da secagem e higroscopicidade de sementes e grãos de nabo forrageiro. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

27.
Daniel Emanuel C. Oliveira. ESTRATÉGIAS DE CONTROLE PARA O PROCESSO DE AERAÇÃO DE GRÃOS EM PROTÓTIPOS DE SILOS METÁLICOS. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

28.
WALKÍRIA CARVALHO GUIMARAES. CARACTERÍTICAS PRODUTIVAS E NUTRICIONAIS DE AMENDOIM FORRAGEIRO SOB DIFERENTES FORMAS DE PLANTIO. 2011. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

29.
SALIM MALUF JABUR FILHO. INCLUSÃO DE SUBPRODUTOS DA INDUSTRIA DE ALIMENTOS NA ENSILAGEM DE CAPIM MOMBAÇA. 2011. Dissertação (Mestrado em Zootecnia) - Instituto Federal Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

30.
Geraldo Cabral e Souza. Tolerância a dessecação e armazenamento de sementes de Crambe (Crambe abyssinica Hochst) e nabo forrageiro (Raphanus sativus L.). 2010. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

Tese de doutorado
1.
Karine Feliciano Barbosa. QUALIDADE DE SEMENTES DE MAMONA COLHIDAS MECANICAMENTE. 2015. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

2.
Anailda Angélica Lana Drumond. Higroscopicidade e qualidade fisiológica de sementes de mamona sob diferentes procedimentos de beneficiamento e armazenamento. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Ciências Agrárias/ Ag) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

3.
Ana Lúcia Cabral. Alterações fisiológicas e bioquímicas em sementes Sapindus saponaria L. durante o armazenamento. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Ciências Agrárias/ Ag) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

4.
Mariluza Silva Leite. DETERMINAÇÃO DE FATORES LIMITANTES AO DESENVOLVIMENTO DE TÉCNICAS DE PROPAGAÇÃO E ACOMPANHAMENTO DO CRESCIMENTO IN VITRO DE GUAPEVA (Pouteria Gardneriana Radlk): ESPÉCIE FRUTÍFERA NATIVAS DO CERRADO GOIANO. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Ciências Agrárias/ Ag) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

5.
Elisvane Silva de Assis. ESTÍMULO DO COMPORTAMENTO FOTOAUTOTRÓFICO EM PLÂNTULAS DE CROADA (Mouriri elliptica Mart.) UTILIZANDO CULTIVO IN VITRO CONVENCIONAL E COM BIORREATOR DE IMERSÃO TEMPORÁRIA. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Ciências Agrárias/ Ag) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

6.
Melicia Ingredi Araújo Gavazza. METODOLOGIAS PARA A PROPAGAÇÃO DE Sterculia striata St. Hil et Naud.. 2014. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

7.
Camila Pereira Caixeta. Avaliação dos efeitos fitotônicos na cultura da soja visando qualidades benéficas da semente. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

8.
Kelly Aparecida Sousa. Pré-processamento das sementes de nabo forrageiro. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

9.
Érica Virgínia Estêfane de Jesus Amaral. Caracterização palinológica e molecular, análise de imagens radiográficas em sementes e fitotoxidez no alumínio no crescimento radicular de Campomanesia (Myrtaceae). 2013. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

10.
Glicélia Pereira Silva. Estudos bioquímos, fisiológicos, histoquímicos e análise de imagem de sementes de quatro espécies frutíferas nativas do Cerrado quanto à tolerância à dessecação: Baru (Dipteryx alata Vog.), Guapeva (Pouteria torta), Araticum [Annona crassiflora (Mart.)] e Chichá [Sterculia striata (A. AT-Hill & Naudiun)]. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

11.
Lílian Abadia da Silva. Utilização da análise de imagens na avaliação da estrutura e do potencial fisiológico de sementes de espécies frutíferas nativas do Cerrado: Caju-de-árvore-do-Cerrado (Anacardium othonianum Rizz.), Cafezinho-do-Cerrado (Rhamnidium elaeocarpum Reisek), Cagaita (Eugenia dysenterica DC.), e Curriola [Pouteria ramiflora (Mart.) Radlk.]. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado em Ciências Agrárias) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, . Orientador: Juliana de Fátima Sales.

12.
Daniel Emanuel de Oliveira. Estudo da secagem e higroscopicidde de frutos do Cerrado. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Ciências Agrárias/ Ag) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, . Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

13.
Paula Sperotto Alberto Faria. Produção de metabólitos secundários in vitro induzido pela comunidade endofítica radicular em plântulas micropropagadas de Caju de árvore do cerrado (Anacardium othonianum Rizz). 2013. Tese (Doutorado em BIOTECNOLOGIA E BIODIVERSIDADE - REDE PRÓ-CENTRO-OESTE) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

14.
Thaís Adriana de Souza Smaniotto. Pré-processamento de sementes de girassol. 2013. Tese (Doutorado em Doutorado) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Juliana de Fátima Sales.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Gessimar Nunes Camelo. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Juliana de Fátima Sales.

2.
Jacson Zuchi. 2014. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Juliana de Fátima Sales.

3.
José Maria Gomes Neves. 2014. Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Juliana de Fátima Sales.

4.
Lucilene Tavares Medeiros. 2013. Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás. Juliana de Fátima Sales.

5.
Vanisse de Fátima Silva. TEOR E COMPOSIÇÃO QUÍMICA DO ÓLEO ESSENCIAL DE Aristolochia cymbifera Mart. & Zucc. E Byrsonima verbascifolia (L.) Rich. ex Juss]: INFLUÊNCIA DA VARIAÇÃO SAZONAL E CIRCADIANA. 2012. Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Juliana de Fátima Sales.

6.
Lucilene Tavares Medeiros. 2010. Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Juliana de Fátima Sales.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Jennifer Maiara Domingues Silva. Superação de dormência e germinação de sementes de Sapindus saponaria L.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

2.
PEDRO HENRIQUE CASTRO MAGALHÃES FERREIRA. DETERMINAÇÃO DO TEOR DE ÁGUA LIMITE PARA A CRIOPRESERVAÇÃO DE AQUÊNIOS DE CAJU-DE-ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum Rizz ) - ANACARDIACEAE. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Agronomia) - Instituto Fedral de Edução, Ciencia e Tecnologia Goiano., Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

3.
Bruno Araujo Alves. QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE GRAMÍNEAS FORRAGEIRAS DO GÊNERO BRACHIARIA EM FUNÇÃO DA SECAGEM E DO ARMAZENAMENTO. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

4.
Lailla Quiroz Silva. SUPERAÇÃO DE DORMÊNCIA EM SEMENTES DE MACAUBA. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

5.
Thálita Vaz Cardoso. Germinação de quina (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.) em função do teor de água e armazenamento das sementes. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Tecnologia em Produção de Grãos) - Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

Iniciação científica
1.
Moara Mariely Vinhais Souza. Desempenho fisiológico de sementes de Anacardium humile St. Hillaire sob secagem e análise de imagens radiográficas. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

2.
Alana Cristina Ferreira Araújo. Desempenho fisiológico e análise de imagens radiológicas de sementes de Caryocar brasilliensis Camb. submetidas à secagem. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

3.
Jennifer Maiara Domingues Silva. Alterações fisiológicas em sementes de Sapindus saponaria L. durante o armazenamento. 2017. Iniciação Científica - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

4.
Moara Mariely Vinhais Souza. Biologia da germinação de Delonix regia (Bojer ex. Hook) Raf. (Fabaceae, Caesalpinoideae): Estudos pré-germinativos para superação de dormência. 2017. Iniciação Científica - IFGoiano, Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

5.
Livia Jacielly Caldas da Silva. Biologia da germinação de Delonix regia (Bojer ex. Hook) Raf. (Fabaceae, Caesalpinoideae): Estudos pré-germinativos para superação de dormência. 2017. Iniciação Científica - IFGoiano, Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

6.
Livia Jacielly Caldas da Silva. Higroscopicidade de sementes de Sterculia striata A. St. Hil. Naudin. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

7.
Geovani Borges Caetano. Teste de condutividade elétrica para sementes de Passiflora setacea. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

8.
Stella Tomaz de Castro. Teste de condutividade elétrica para sementes de Passiflora setacea. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

9.
Jennifer Maiara Domingues Silva. Alterações fisiológicas e bioquímicas em sementes Sapindus saponaria L. durante o armazenamento. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

10.
Ritiane Souza Alcântara. Estresse térmico em microtomateiros com modificações no fitocromo. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

11.
Guilherme Furtado Goulart. Qualidade de sementes de mamona colhidas de forma mecânica. 2016. Iniciação Científica - Instituto Federal Goiano, Campus Rio Verde, CNPq. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

12.
Cleverson Alves Fagundes. Criopreservação e qualidade fisiológica de sementes de Sterculia striata A. ST. Hill e Naudin durante o armazenamento. 2016. Iniciação Científica - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

13.
Moara Mariely Vinhais Souza. Qualidade de sementes de mamona sob diferentes procedimentos de beneficiamento. 2016. Iniciação Científica - IFGoiano, Campus Rio Verde, CNPq. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

14.
TATIANE MARINHO BRUNO. ESTUDOS DO POTENCIAL FISIOLÓGICO DAS SEMENTES DE Solanum melissarum BOHS (SOLANACEAE) EM DIFERENTES GRAUS DE MATURAÇÃO?. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em PIBIC/CNPq) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

15.
HELDER SILVIO FERREIRA AMBROSIO. DESENVOLVIMENTO DE PROCESSOS DE COLHEITA MECANICA E DE POS-COLHEITA DE SEMENTES DE MAMONA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

16.
Moara Mariely Vinhais Souza. Higroscopicidade e qualidade fisiológica de sementes de mamona sob diferentes procedimentos de beneficiamento e armazenamento. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

17.
Jennifer Maiara Domingues Silva. Qualidade fisiológica das sementes de Sapindus saponaria L. criopreservadas. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

18.
Gabrielle Müller Vitorino. CRIOPRESERVAÇÃO E QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE Sterculia striata A. St. Hill & Naudin DURANTE O ARMAZENAMENTO. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

19.
PATRÍCIA CARDOSO FERREIRA. ALTERAÇÕES ANATÔMICAS, BIOQUÍMICAS E FISIOLÓGICAS EM SEMENTES DE SOJA (Glycine max (L.) Merr.) DURANTE O ARMAZENAMENTO. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

20.
KENNEDY VIEIRA DOS REIS. TRATAMENTOS PRÉ-GERMINATIVOS E PADRONIZAÇÃO DE TESTES PARA AVALIAÇÃO DA QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em PIBIC/CNPq) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

21.
Gabrielle Müller Vitorino. TOLERÂNCIA AO ALUMÍNIO E AVALIAÇÃO DAS ALTERAÇÕES FISIOLÓGICAS E BIOQUÍMICAS DE SEMENTES DE AMPOMANESIA PUBESCENS (DC.) O. BERG (MYRTACEAE) SUBMETIDAS A SECAGEM. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

22.
Sabrina Cabral França. TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO, ARMAZENAMENTO E SUPERAÇÃO DE DORMENCIA DE FRUTOS E SEMENTES DE PEQUI (Caryocar brasiliense CAMB.), ESPÉCIE DO BIOMA CERRADO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

23.
Bethânia Silva Morais de Freitas. TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO E ARMAZENAMENTO DE FRUTOS E SEMENTES DE BARU E TUCUMÃ, ESPÉCIES DO BIOMA CERRADO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

24.
Pedro Henrique Castro Magalhães Ferreira. ESTABELECIMENTO E MULTIPLICAÇÃO in vitro DE Anacardium othonianum Rizz E GERMINAÇÃO in vitro E INDUÇÃO DE CALOGÊNESE EM Physalis sp.. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

25.
Juliana Montazola. AVALIAÇÃO DA ESTRUTURA E DO POTENCIAL FISIOLÓGICO DE SEMENTES DE DUAS ESPÉCIES FLORESTAIS NATIVAS DO CERRADO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

26.
KENNEDY VIEIRA DOS REIS. QUALIDADE FISIOLÓGICA DE SEMENTES DE JURUBEBA (Solanum paniculatum LAM.) EM FUNÇÃO DOS ESTÁGIOS DE MATURAÇÃO DOS FRUTOS. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Ambiental) - Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

27.
PATRÍCIA CARDOSO FERREIRA. ESTUDOS BIOQUÍMICOS, FISIOLÓGICOS, HISTOQUÍMICOS E ANÁLISE DE IMAGEM DE SEMENTES DE DUAS ESPÉCIES FRUTÍFERAS NATIVAS DO CERRADO QUANTO À TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO: BARU (Dipteryx alata VOOG) E GUAPEVA (Pouteria torta). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

28.
CAMILA DE OLIVEIRA SILVA. ESTABELECIMENTO E MULTIPLICAÇÃO in vitro DE Anacardium othonianum RIZZ E GERMINAÇÃO in vitro E INDUÇÃO DE CALOGÊNESE EM Physalis sp. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

29.
Sabrina Cabral França. GERMINAÇÃO E ARMAZENAMENTO DE DISAPOROS DE PEQUI, ESPÉCIE DO BIOMA CERRADO. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

30.
Lucas Dourado de Castro. DESENVOLVIMENTO DE PROCESSOS BIOTECNOLÓGICOS PARA PRODUÇÃO DE MUDAS E PROMOÇÃO DE CRESCIMENTO DE PALMÁCEAS DE INTERESSE AO MERCADO DE JARDINAGEM, PAISAGISMO E BIOCOMBUSTÍVEL.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

31.
Adriene de Cássia Branquinho. ESTUDOS DE TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO DE SEMENTES DE CAJÚ-DE ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum), QUINA (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.) E MURICI (Birsonima verbascifolia), FRUTÍFERAS E MEDICINAIS NATIVAS DOS CERRADOS. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

32.
Rafael Cândido Campos. Tolerância a dessecação e armazenamento de sementes de palmáceas com potencial para biocombustíveis.. 2011. Iniciação Científica - Instituto Federal Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

33.
Rodolfo Gomes de Souza. Avaliação da germinação e do armazenamento de sementes forrageiras do gênero Stylosanthes e Arachis.. 2011. Iniciação Científica - Instituto Federal Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

34.
Bethânia Silva Morais de Freitas. Superação de dormência e Tolerãncia a dessecação em sementes de pequi e baru, espécies do cerrado. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

35.
Pedro Henrique Castro Magalhães Ferreira. Criopreservação das sementes de Cambará (Vochysia divergens Pohl) e Cajú-de-árvore-do-cerrado (Anacardium othonianum Rizz). 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

36.
Nathália Lopes Ribeiro. Teor e composição química do óleo essencial de espécies nativas dos cerrados em função da sazonalidade, horário de coleta e variação geográfica. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

37.
Rodolfo Gomes de Souza. AVALIAÇÃO DA GERMINAÇÃO E DO ARMAZENAMENTO DE SEMENTES DE FORRAGEIRAS DO GÊNERO Stylosanthes e Arachis. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Zootecnia) - Instituto Federal Goiano, Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

38.
Bethânia Silva Moraes Freitas. Tolerância à dessecação e armazenamento de sementes de palmáceas com potencial para biocombustíveis.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal Goiano, Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

39.
Rafael Cândido Campos. TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO E ARMAZENAMENTO DE SEMENTES DE PALMÁCEAS COM POTENCIAL PARA BIOCOMBUSTÍVEIS.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

40.
Adriene de Cássia Branquinho. ESTUDOS DE TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO DE SEMENTES DE CAJÚ-DE ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum), QUINA (Strychnos pseudoquina A. St. Hil.) E MURICI (Birsonima verbascifolia), FRUTÍFERAS E MEDICINAIS NATIVAS DOS CERRADOS. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

41.
Rafael Vieira Barbosa. Proteção, tolerância a dessecação e armazenamento de sementes de Crambe (Crambe abyssinica Hoscht) e Nabo forrageiro (Raphanus sativas L.), espécies com potencial para biocombustiveis. 2010. Iniciação Científica - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

42.
Nelson Souza Vieira Júnior. Avaliação do teor e composição química de óleos essenciais de espécies nativas do cerrado: influência da sazonalidade, horário de coleta e variação geográfica. 2010. Iniciação Científica - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

43.
BRUNO ARAUJO ALVES. QUALIDADE DISIOLOGICA DE SEMENTES DE GRAMINEAS FORRAGEIRAS DO GENERO BRACHIARIA E PANICUM EM FUNÇÃO DA SECAGEM E DO ARMAZENAMENTO. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em PIBIC/CNPq) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

44.
Felipe Goulart Machado. CRIOPRESERVAÇÃO DE SEMENTES DE CAJÚ-DE ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum), QUINA (Strychpseudoquina A. St. Hil.) E MURICI (Birsonima verbascifolia), FRUTÍFERAS E MEDICINAIS NATIVAS DOS CERRADO. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal Goiano Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

45.
Adriene de Cássia Branquinho. ESTUDOS DE TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO DE SEMENTES DE CAJÚ-DE ÁRVORE-DO-CERRADO (Anacardium othonianum FRUTÍFERA MEDICINAL NATIVA DO CERRADO. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

46.
Jaqueline Martins Vasconcelos. ESTUDOS DE TOLERANCIA A DESSECAÇÃO, CARACTERIZAÇÃO ANATÔMICA E ENZIMÁTICA DE DIFERENTES ESPÉCIES MEDICINAIS E FRUTIFERAS NATIVAS DO CERRADO.. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano/Campus Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

47.
Lailla Queiroz Silva. EFEITO DA LUZ, TEMPERATURA E TOLERÂNCIA A DESSECAÇÃO DE ESPECIES COM POTENCIAL PARA BIOCOMBUSTÍVEIS.. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano/Campus Rio Verde, Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

48.
Jaqueline Martins Vasconcelos. Estudos de tolerância a dessecação, caracterização anatômica e enzimática de diferentes espécies medicinais e frutíferas nativas do cerrado.. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

49.
LAILA QUEIROZ SILVA. EFEITO DA LUZ TEMPERATURA E TOLERANCIA A DESSECAÇÃO DE ESPÉCIES COM POTENCIAL PARA BIOCOMBUSTIVEIS.. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Instituto Fedral de Edução, Ciencia e Tecnologia Goiano.. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

50.
Jaqueline Martins Vasconcelos. ?Tolerância à dessecação, germinação de espécies nativas frutíferas e medicinais dos cerrados, e quebra de dormência em sementes de quina?. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia Goiano, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

51.
Juliana Silva Rodrigues Cabral. Contole interado de Spodoptera eridania (Cramer, 1782) (Lep. Noctuidae) com Trichogramma pretiosum (Hymenoptera trichogrammatidae): avaliando os aspectos biotecnológicos e desempenho no campo.. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Tecnologia em Produção de Grãos) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

52.
Thalita Vaz Cardoso. Tolerancia a dessecação, germinação e emergência de quina (Strychnos peseudoquina). 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Tecnologia em Produção de Grãos) - Centro Federal de Educação Tecnológica de Rio Verde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

Orientações de outra natureza
1.
Emílio Pereira Bastos Neto. Monitoria de laboratório. 2017. Orientação de outra natureza - IFGoiano, Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

2.
Deyner Damas Aguiar Silva. Cinética de secagem, qualidade fisiológica e alterações morfológicas em sementes de Passiflora setacea submetidas à secagem e armazenamento. 2017. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.

3.
Lília Cristina de Souza Barbosa. Caracterização anatômica, polínica e fisiológica de estruturas reprodutivas de Solanum melissarum Bohs (Solanaceae). 2015. Orientação de outra natureza. (Agronomia) - IFGoiano, Campus Rio Verde. Orientador: Juliana de Fátima Sales.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
Costa, L.M.2012Costa, L.M. ; Resende, O. ; GONCALVES, D. N. ; MARCAL, K. A. F. ; SALES, J. F. . Storage of crambe fruit subjected to different drying conditions. African Journal of Agricultural Research, v. 7(47), p. 6274-6280, 2012.

2.
CAETANO, GRACIENE DE SOUZA2012CAETANO, GRACIENE DE SOUZA ; SOUSA, KELLY APARECIDA DE ; RESENDE, OSVALDO ; SALES, Juliana de Fátima ; COSTA, LÍLIAN MOREIRA . Higroscopicidade de sementes de caju-de-árvore-do-cerrado. Pesquisa Agropecuária Tropical (Online), v. 42, p. 437-445, 2012.

3.
SILVA, G.P.2013 SILVA, G.P. ; RUBIO NETO, A. ; FRANCA, S. C. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. ; Resende, O. . INFLUENCE OF THE DRYING TEMPERATURE ON THE EMERGENCE AND VIGOR OF PEQUI SEEDLINGS (Caryocar brasiliense CAMB), AN IMPORTANT SPECIES OF THE BRAZILIAN CERRADO. African Journal of Agricultural Research, v. 8, p. 553-558, 2013.

4.
SILVA, FABIANO GUIMARAES2015SILVA, FABIANO GUIMARAES ; DE OLIVEIRA L., HENRIQUE ANTONIO ; SALES, JULIANA DE FATIMA ; RIBEIRO, NATHALIA LOPES ; FREITAS E SOUZA, JESSICA LEAL DE ; PEREIRA, PAULO S. . Content and chemical composition of the essential oil from Byrsonima verbascifolia Rich. ex a. Juss. collected in different seasons and times of day. Journal of Medicinal Plant Research, v. 9, p. 412-418, 2015.

5.
RODRIGUES, A. A.2018RODRIGUES, A. A. ; VASCONCELOS FILHO, S. C. ; MULLER, C. ; RODRIGUES, D. A. ; MENDES, G. C. ; REHN, LARISSA SAEKI ; COSTA, A. C. ; VITAL, R. G. ; DE FÁTIMA SALES, JULIANA . Sapindus saponaria bioindicator potential concerning potassium fluoride exposure by simulated rainfall: anatomical and physiological traits. ECOLOGICAL INDICATORS, v. 89, p. 552-558, 2018.


Apresentações de Trabalho
1.
SILVA, G.P. ; SALES, J. F. ; SILVA, L. A. ; FREITAS, B. S. M. ; FRANCA, S. C. . INFLUÊNCIA DA SECAGEM NO VIGOR DE DIÁSPOROS DE BOCA-BOA AVALIADA PELO TESTE DE CONDUTIVIDADE ELÉTRICA. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
Neto, A. R. ; FREITAS, B. S. M. ; SALES, J. F. ; SILVA, F. G. . Efeito do armazenamento na viabilidade, germinação e crescimento inicial de plântulas de macaúba. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Outras informações relevantes


?	Coordeno atualmente 01 projeto de pesquisa pela Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás (FAPEG ? Chamada Pública n.005/2012, Edital Universal), nas linhas de pesquisas atuantes.
?	Coordenei 03 projetos de pesquisa concluídos pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq, Edital MCT/CNPq n.14/2008, Universal; CT-Ação Transversal n. 28/2008 Edital MCT/CNPq-CT-Agronegócio; Edital MCT/CNPq n.06/2008 Faixa A).
?	Atualmente coordeno 02 projetos de pesquisa financiados pelo CNPq, na Chamada NCTI/CNPq n.14/2013, Edital Universal e Chamada Pública n.94/2013 MEC/SETEC/CNPq, Linha 1, Faixa B.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/11/2018 às 10:18:07