Fabiano Micheletto Scarpa

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8121532590994851
  • Última atualização do currículo em 20/10/2016


Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Campinas (2000), mestrado em Biologia Vegetal pela Universidade Estadual de Campinas (2002) . Recebeu o título de doutor em Biologia Vegetal pela mesma universidade em julho de 2007. Foi colaborador em um projeto sobre especies endêmicas e ameaçadas em um "hotspot de biodiversidade", o sudoeste australiano, fiinanciado pelo Western Australia Department of Environment and Conservation - The University of Western Australia (UWA). Exerceu atividades de divulgação científica e pesquisa na Rede Brasileira de Pesquisas Sobre Mudanças Climáticas Globais (Rede Clima) e no Instituto Nacional de ciência e tecnologia para mudanças climáticas (INCT para Mudanças Climáticas), ambos sediados no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. Foi bolsista de pós doutorado júnior com financiamento do CNPq por um curto período de tempo (entre janeiro e abril de 2014). Atuou nos programas internacionais International Geosphere Biosphere Programme, Future Earth Programme e Global Land Project (GLP). Desenvolve atualmente trabalhos relacionados a pesquisa na área de mudanças ambientais globais no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Fabiano Micheletto Scarpa
Nome em citações bibliográficas
SCARPA, Fabiano Micheletto;SCARPA, FABIANO MICHELETTO

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, Centro de Ciência do Sistema Ter.
Av. dos Astronautas, 1758
Jardim da Granja
12227010 - São José dos Campos, SP - Brasil
Telefone: (12) 32086000
URL da Homepage: www.inpe.br


Formação acadêmica/titulação


2002 - 2007
Doutorado em Biologia Vegetal.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Título: Estudo comparativo do crescimento de plântula s e da anatomia foliar de espécies d o cerrado e da mata atlântica, Ano de obtenção: 2007.
Orientador: Ivany Ferraz Marques Válio.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: crescimento.
2000 - 2002
Mestrado em Biologia Vegetal.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Título: crescimento inicial de espécies arbóreas pioneiras e não pioneiras da mata de Santa Genebra, Campinas, SP.,Ano de Obtenção: 2002.
Orientador: Ivany Ferraz Marques Válio.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: pioneiras; não pioneiras; crescimento inicial.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.
1995 - 1999
Graduação em Biologia.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.


Pós-doutorado


2014 - 2014
Pós-Doutorado.
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 10
Outras informações
Pesquisas relacionadas às mudanças ambientais globais

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de pós doutorado junior, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: DTI-A, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Atividades de pesquisa relacionadas às mudanças ambientais globais no Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Mudanças Climáticas (INCT-MC) e Rede Brasileira de Pesquisas sobre mudanças climáticas (Rede Clima)

Atividades

04/2011 - 04/2014
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, Centro de Ciência do Sistema Ter, .


Grupo Energia Gerenciamento de Projetos, GRE, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Biólogo, Carga horária: 40
Outras informações
Elaboraçao de Estudos Ambientais relacionados a empreendimentos energéticos


Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2007
Vínculo: estudante de pg-doutorado, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0

Vínculo institucional

2000 - 2002
Vínculo: Estudante de pg-mestrado, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0

Vínculo institucional

1995 - 1999
Vínculo: aluno de graduação, Enquadramento Funcional: , Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2000 - 01/2007
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Biologia, .

Linhas de pesquisa
Botanica
8/2005 - 12/2005
Ensino, Biologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bt 330-Botânica Básica
5/2003 - 4/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Biologia, Departamento de Botânica.

Cargo ou função
Membro da subcomissão de pós graduação em Biologia Vegetal.
3/2003 - 7/2003
Ensino, Biologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bt-480-taxonomia vegetal (atividade de monitoria)
8/2002 - 12/2002
Ensino, Biologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bt-280- Anatomia e morfologia vegetal (Atividade de monitoria)
9/1996 - 12/2000
Estágios , Instituto de Biologia, Departamento de Fisiologia Vegetal.

Estágio realizado
Germinação de sementes.
3/2000 - 7/2000
Ensino, Biologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bv- 780- Fisiologia Vegetal Geral (Atividade de monitoria)
9/1995 - 1/1996
Estágios , Instituto de Biologia, Departamento de Bioquímica.

Estágio realizado
Biofísica de proteínas.
5/1995 - 9/1995
Estágios , Instituto de Biologia, Departamento de Parasitologia.

Estágio realizado
Protozoologia.

Fundação de Ciência, Aplicações e Tecnologia Espaciais, FUNCATE/SP, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Analista de Projetos Ambientais Pleno I, Carga horária: 40


The University of Western Australia, UWA, Austrália.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Contratado pela UWA, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 40
Outras informações
Atividades de pesquisa relacionadas a espécies vegetais endêmicas de um hotspot de biodiversidade, o sudoeste australiano



Linhas de pesquisa


1.
Botanica
2.
Mudanças Climáticas
3.
Mudanças de uso da terra
4.
Ecologia


Projetos de pesquisa


2012 - Atual
Global Land Project
Descrição: Land use is a major driver of global change. We see land as the nexus of crucial societal and environmental challenges and opportunities to address food security, access to water, livelihoods, land degradation, biodiversity loss, and climate change. Solutions to these challenges must balance complex trade-offs and synergies at multiple scales, demanding multiple paradigms and perspectives. The Global Land Project (GLP) is a network of scientists, institutions and stakeholders engaged in building and enhancing scientific capacity through identifying core questions, synthesizing research and setting future agendas, creating synergies among researchers and stakeholders, and bridging science and decision making. GLP engages with a wide variety of international programmes, networks, and stakeholders in land related activities..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2013
INCT para Mudanças Climáticas
Descrição: O Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia para Mudanças Climáticas (INCT-MC) é uma abrangente rede de pesquisas interdisciplinares em mudanças climáticas e se embasa na cooperação de 90 grupos de pesquisa de 108 instituições e universidades brasileiras e 18 estrangeiras. Envolve mais de 400 pesquisadores, estudantes e técnicos, constituindo-se na maior rede de pesquisas ambientais já desenvolvida no Brasil. Os Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia foram criados em 2008 pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). São financiados pelo CNPq, pela Capes e, no caso daqueles sediados no Estado de São Paulo, pela Fapesp. Ao todo, são 122 INCTs em 17 estados brasileiros, cobrindo a maior parte das áreas da Ciência e Tecnologia. O INCT para Mudanças Climáticas está sediado no Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais(INPE), em São José dos Campos, SP, e opera estreitamente vinculado a outras redes de pesquisa em mudanças climáticas. Em primeiro lugar, está diretamente associado à Rede CLIMA (Rede Brasileira de Pesquisas sobre Mudanças Climáticas), do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação. Também está associado a vários programas de pesquisa em mudanças climáticas, em particular ao Programa FAPESP Mudanças Climáticas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2013
Rede Brasileira de Pesquisa em Mudanças Climáticas Globais (Rede Clima)
Descrição: A Rede Brasileira de Pesquisas sobre Mudanças Climáticas Globais (Rede CLIMA) foi instituída pelo MCT no final de 2007 e tem como objetivo principal gerar e disseminar conhecimentos para que o Brasil possa responder aos desafios representados pelas causas e efeitos das mudanças climáticas globais. A economia brasileira tem expressiva base em recursos naturais renováveis, o que torna o país potencialmente vulnerável às mudanças climáticas, vulnerabilidade esta acentuada pelas disparidades regionais de desenvolvimento. Numa visão de longo prazo, as mudanças climáticas globais apresentam risco sem precedentes à civilização e o Brasil reúne potencialidades para contribuir à diminuição deste risco em função de nossa abundância de recursos naturais. No entanto, a realização deste potencial depende do aumento do conhecimento científico. O recente lançamento do Plano Nacional de Mudanças Climáticas pelo governo federal balisará a identificação dos obstáculos e dos catalisadores de ação e políticas públicas. A Rede CLIMA constitui-se em fundamental pilar de apoio às atividades de Pesquisa e Desenvolvimento deste Plano e ensejará o estabelecimento e consolidação de comunidade científica e tecnológica preparada para atender plenamente às necessidades nacionais de conhecimento, incluindo a produção de informações para formulação e acompanhamento das políticas públicas sobre mudanças climáticas e para apoio à diplomacia brasileira nas negociações sobre o regime internacional de mudanças climáticas. Um dos primeiros produtos colaborativos da Rede CLIMA será a elaboração regular de análise sobre o estado de conhecimento das mudanças climáticas no Brasil, nos moldes dos relatórios do IPCC, porém com análises setoriais mais especificas para a formulação de políticas públicas nacionais e internacionais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2002 - 2007
Estudo comparativo do crescimento de plântulas e da anatomia foliar de espécies do cerrado e da mata atlântica
Descrição: Foi feito um estudo comparativo do crescimento em plântulas e da anatomia e morfologia das folhas de plantas adultas em espécies de cerrado e da mata atlântica. Para os experimentos de crescimento, as sementes foram postas para germinar em placas de Petri com papel de filtro umedecido em água destilada. Após a protrusão da raiz, as plântulas foram transferidas para recipientes plásticos preenchidos com solo da mata, solo do cerrado e vermiculita (sendo solução nutitiva de Hoagland acrescida a cada dois dias). Foram realizadas três coletas de dez indivíduos cada uma por um período de três meses. As porções raiz, caule e folhas foram separadas e a área das folhas será medida. Os seguintes parâmetros de crescimento serão então calculados: razão raiz/parte aérea, razão de comprimento da raiz, área foliar específica, taxa de crescimento relativo e taxa de assimilação líquida. Para os estudos anatômicos, as folhas foram coletadas de áreas naturais, fixadas em FAA 50, e as porções medianas foram incluídas em parafina, seccionadas em micrótomo, coradas com azul de Astra e Safranina. Preparações permanentes foram montadas. As porções laminares lignificadas, as espessuras da epiderme, do mesofilo e da lâmina foliar foram quantificadas. A área foliar foi medida e relacionada à massa seca. Houve nítida convergência de adaptações. Menores valores de taxas de crescimento foram geralmente observados para espécies do Cerrado, assim como folhas mais esclerificadas e com maior espessura da epiderme, o que está relacionado a uma baixa interceptação de luz. Hove, dessa maneira, nítida convergência adaptativa aos diferentes ambientes. No entranto, contrariando as expectativas, não houve maior investimento relativo em sistema radicular para as espécies do Cerrado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Fabiano Micheletto Scarpa - Integrante / Ivany Ferraz Marques Válio - Coordenador / Sandra Maria Carmello Guerreiro - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2000 - 2002
Crescimento inicial de espécies pioneiras e tardias das florestas semidecíduas do estado de São Paulo
Descrição: O Crescimento inicial de plântulas de 12 espécies iniciais-pioneiras- (Aloysia virgata (Ruiz & Pav.) Juss., Cecropia hololeuca Miq., Urera baccifera (L) Gaudich, Bauhinia longifolia (Bong.) Steud., Croton floribundus Spreng., Aegiphila klotschiana Cham., Pseudobombax grandiflorum (Cav.) A. Robyns, Trema micrantha (L) Blume, Senna macranthera (D.C.) Irwin & Barn., Heliocarpus americanus L., Solanum granuloso-leprosum Dunae e Jacaratia spinosa (Aubl.) DC.) e seis não pioneiras-tardias- (Esenbeckia leiocarpa Engl., Apeiba tibourbou Aubl., Cedrela fissilis Vell., Jacaranda cuspidifolia Mart., Astronium graveolens Jacq. e Actinostemonm klotzschii (Muell.Arg) Pax) Engl.) está sendo estudado com relação ao tamanho das sementes. Os experimentos foram conduzidos em condições naturais, na mata de Santa Genebra (em clareira e sob o dossel) e em condições de casa de vegetação e em sombreamento artificial com telas "sombrite". As sementes foram colocadas para germinar em bandejas plásticas com vermiculita ou areia. Após a germinação, as plântulas foram transplantadas para vasos (750ml) com uma mistura de solo e areia (2:1). O encerramento dos experimentos se deu após 30 e 60 dias (10 indivíduos por coleta e por espécie) na casa de vegetação e após 30 dias nas outras condições, quando foram verificados os seguintes parâmetros: altura, número de folhas, número de cotilédones, área foliar, área dos cotilédones, massa seca total e das diferentes partes das plântulas. A partir desses dados, foram calculados: razão raiz/ parte aérea, área foliar específica, razão de massa foliar , razão de massa do caule, razão de massa da raiz, razão da área das folhas pela massa da raiz, tamanho médio das folhas, taxa de crescimento relativo e taxa de assimilação líquida. Até o momento, observou-se que existe uma correlação negativa entre a taxa de crescimento relativo e o tamanho da semente (massa seca) e que a massa total das plântulas está fortemente associada à reserva disponível nos pro.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Fabiano Micheletto Scarpa - Integrante / Ivany Ferraz Marques Válio - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.


Membro de corpo editorial


2014 - Atual
Periódico: GLPNEWS


Revisor de periódico


2014 - 2015
Periódico: GLPNEWS


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2013
Participou da elaboração do trabalho vencedor na área de comunicação científica, Premio Lettering.
2003
trabalho com primeira colocação na área ambiental, Caeb/IB/Unicamp.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
BOILLAT, S. P.2015BOILLAT, S. P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Land system science at the interface of science and society. GLPNEWS, v. 11, p. 3-4, 2015.

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto2015SCARPA, Fabiano Micheletto; BOILLAT, S. P. . Biodiversity and Land Systems. GLPNEWS, v. 12, p. 3-4, 2015.

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto2014SCARPA, Fabiano Micheletto; BOILLAT, S. P. . Interdisciplinary Research Towards Sustainability. GLPNEWS, v. 10, p. 3-3, 2014.

4.
MIRANDA, J. P.2013MIRANDA, J. P. ; MATOS, R. F. ; ARAUJO, R. C. S. ; SCARPA, FABIANO MICHELETTO ; ROCHA, C. F. D. . Entanglement in plastic debris by Boa constrictor (Serpentes: Boidae) in the state of Maranhão, Northeastern Brazil. Herpetology Notes, v. 6, p. 103, 2013.

5.
MIRANDA, J. P.2013MIRANDA, J. P. ; COSTA, J. C. L. ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; ROCHA, C. F. D. . Predation on Columbina squammata (Aves: Columbidae) by the Green Vine Snake Oxybelis fulgidus (Serpentes: Colubridae) at the Lençóis Maranhenses National Park, Maranhão, Brazil. Herpetology Notes, v. 6, p. 187-188, 2013.

6.
MIRANDA, J. P.2013MIRANDA, J. P. ; MATOS, R. F. ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; ROCHA, C. F. D. . New record and distribution extension of Siphonops paulensis (Gymnophiona: Siphonopidae) in the state of Maranhão, Northeastern Brazil. Herpetology Notes, v. 6, p. 327-329, 2013.

7.
MIRANDA, J. P.2013MIRANDA, J. P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Por que a serpente vive mostrando a língua?. Ciencia Hoje das Criancas, v. 252, p. 19-19, 2013.

8.
Arraut, E2012Arraut, E ; Nobre, P ; Nobre, C.A. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Brazilian Network on Global Climate Change Research (Rede CLIMA): structure, scientific advances and future prospects. Sustentabilidade em Debate, v. 3, p. 241-256-256, 2012.

9.
SCARPA, Fabiano Micheletto;SCARPA, FABIANO MICHELETTO2008 SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, I. F. M. . Relationship between seed size and litter on early seedling stablishment of 15 tropical tree species. Journal of Tropical Ecology (Print), v. 24, p. 569-573, 2008.

10.
VÁLIO, Ivany Ferraz Marques2001 VÁLIO, Ivany Ferraz Marques ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Germination of seeds of tropical pioneer species under controlled and natural conditions. Revista Brasileira de Botânica (Impresso), v. 24, n.1, p. 79-84, 2001.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
SCARPA, FABIANO MICHELETTO; PAULA, A. . Novo Clima Novo Ambiente: Por que é importante conservar a biodiversidade. 1. ed. , 2015.

2.
PAULA, A. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Novo clima, novo ambiente : a produção de alimentos. 1. ed. , 2015.

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . Novo Clima Novo Ambiente: Energia Renovável e Limpa. 1. ed. , 2015.

4.
PAULA, A. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Novo Clima Novo Ambiente: Água limpa para todos. 1. ed. , 2015.

5.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . O Futuro que queremos: Economia verde, erradicação da pobreza e desenvolvimento sustentável. 1. ed. São José dos Campos: Inpe, 2012. v. 1. 27p .

6.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . The Future We All Want. 1. ed. São José dos Campos: Inpe, 2012. v. 1. 27p .

7.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . Pegada Ecológica: Qual é a sua?. 1. ed. Inpe: Inpe, 2012. 22p .

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SCARPA, FABIANO MICHELETTO. The Future We all Want. Skeptical Science, Australia.

2.
JUSTINO, G. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Saiba o que é a pegada ecológica e como reduzir os danos ao planeta. Zero Hora.

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto. SEGURANÇA HÍDRICA PARA UM PLANETA SOB PRESSÃO. Revista Diferencial.

4.
Almada, G ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Inpe distribui cartilha com dicas sobre ecologia. O Vale Paraibano.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BOILLAT, S. P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; GROVE, M. . The Role of Research Coordination in Enhancing Integrative Research: the Co-production of Knowledge Agenda of the Global Land Programme. In: AGU Fall Meeting, 2015, San Francisco. AGU Fall Meeting 2015, 2015.

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto; MESQUITA, R C ; CARMELLOGUERREIRO, S M ; VÁLIO, IFM ; MANSANARES, AM ; BARJA, PR . Respostas fisiológicas em espécies vegetais congenéricas características de ambientes contrastantes: Mata Atlântica e Cerrado. In: V Congresso Brasileiro de Pesquisas Ambientais e Saúde, 2005, Santos. Anais do Congresso, 2005.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
UEHARA, L. ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; VÁLIO, I. F. M. ; GUERREIRO, Sandra Maria Carmello . Atributos morfo-anatômicos em folhas e crescimento de plântulas de espécies do cerrado e da mata atlântica. In: 56 Congresso Nacional de Botânica, 2005, Curitiba. Anais do congresso.

2.
ROCCA, M. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Atributos foliares de duas espécies simpátricas de Nematanthus (Gesneriaceae): sub-bosque versus dossel. In: 56 Congresso Nacional de Botâbnica, 2005, Curitiba. Anais do Congresso.

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto; POLO, J. ; ARTIOLI, F. . Morfologia Funcional de folhas de espécies do cerrado e da mata atlântica. In: Congresso aberto aos estudantes de biologia, 2005, Campinas. Livro de resumos do congresso.

4.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, I. F. M. ; CARMELLOGERREIRO, Sandra Maria . Early seedling growth in species from cerado and atlantic rainforest. In: Association for tropical biology and conservation, 2005, Uberlândia. Livro de resumos, 2005.

5.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Estudo comparativo do crescimento de plântulas e da anatomia foliar de espécie do cerrado e da mata atlântica. In: III Simpósio Interno do projeto temático 40ha de parcelas permanentes/Biota-Fapesp, 2004, Cananéia,SP. Anais do Simpóisio, 2004.

6.
ANTUNES, Raquel Moreira ; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques ; CARMELLOGUERREIRO, Sandra Maria . Germinação e Estrutura do Envoltório de sementes de um par vicariante-Eriotheca gracilipes e Eriotheca candolleana. In: 50 Congresso Nacional de Botânica, 2004, Viçosa,MG. Anais do Congresso, 2004.

7.
SCARPA, Fabiano Micheletto; BELLINATI, André ; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques ; CARMELLOGUERREIRO, Sandra Maria . Divergências adaptativas em folhas de espécies do cerrado e da mata atlântica. In: 55 Congresso Nacional de Botânica, 2004, Viçosa,MG. Anais do congresso.

8.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques ; CARMELLOGUERRREIRO, Sandra Maria . Estudo comparativo do crescimento de plântulas de espécies do cerrado e da mata atlântica. In: XV Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo, 2004. Anais do Congresso, 2004.

9.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques ; CARMELLOGERREIRO, Sandra Maria . Partição de Biomassa em Espécies arbóreas do cerrado e da mata atlântica. In: XV Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo, 2004. Anais deo congresso.

10.
SCARPA, Fabiano Micheletto; SIMPLÍCIO, Jucemary . Influência da temperatura e luminosidade na germinação de Zeyheria tuberculosa e Zeyheria digitalis. In: 55 Congresso Nacional de Botânica, 2004, Viçosa, MG. Anais do Congresso, 2004.

11.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques . Respostas fisiológicas de crescimento em 16 espécies tropicais das florestas semideciduais paulistas. In: 53 Congresso Nacional de Botânica, 2002, Recife, PE. Anais do congresso.

12.
SCARPA, Fabiano Micheletto; MADRID, José Miguel ; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques . Efeito da serrapilheira no estabelecimento de espécies tropicais pioneiras e tardias. In: 48 Congresso nacional de Botânica, 2002, Recife, PE. Anais do Congresso, 2002.

13.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques . Sobrevivência de plântulas de 16 espécies tropicais em condições naturais e artificiais. In: XIV Congresso da sociedade botânica de São Paulo, 2002. Anais do Congresso, 2002.

14.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques . Crescimento inicial de espécies pioneiras e secundárias de uma floresta tropical semidecídua. In: 47 Congresso Nacional de Botânica, 2001, João Pessoa. Anais do Congresso.

15.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, I. F. M. . Germinação de sementes de espécies pioneiras de uma floresta tropical semidecídua. In: Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal, 1999, Brasília. Anais do congresso. Brasília, 1999.

16.
SCARPA, Fabiano Micheletto; VÁLIO, Ivany Ferraz Marques . Germinação de sementes de espécies pioneiras de uma mata tropical do sudeste de São paulo. In: XLIX Congresso Nacional de Botânica, 1998, Salvador. Anais do Congresso. Salvador, 1998.

Apresentações de Trabalho
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto; BOILLAT, S. P. . The Global Land Project with an emphasis on the Amazon. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
BOILLAT, S. P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Multi-scale co-production of knowledge in land systems: from ethnoecology to the sharing of social-ecological data?.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Why we need science communication: Lessons from the Brazilian Network on Global Climate Change (Rede Clima). 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Biodiversidade, Biologia Vegetal e Mudanças Climáticas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Economia verde e Sustentabilidade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Biodiversidade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Economia verde, Sustentabilidade e Erradicação da Pobreza. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Meio ambiente e qualidade de vida. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Comparação Ecológica entre Cerrado e Mata Atlântica. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
SCARPA, FABIANO MICHELETTO; SOUSA, F. . Parcerias Público Privadas para conservação e desenvolvimento na rota Lund, MG. 2012.

Trabalhos técnicos
1.
PINHO, P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Recomendações para a Rio + 20 - Segurança alimentar para um planeta sob pressão. 2012.

2.
PINHO, P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Recomendações para a Rio + 20- Segurança alimentar para umk planeta sob pressão. 2012.

3.
PINHO, P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Recomendações para a Rio + 20 - Segurança hídrica para um planeta sob pressão. 2012.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Rede TV-Good News. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto. TV Globo. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto. TV Brasil. 2012.

Redes sociais, websites e blogs
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Página do Global Land Project no facebook. 2015; Tema: Mudança de uso da terra. (Rede social).

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Twitter- Global Land Project. 2015; Tema: Mudança de uso da terra. (Rede social).

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Global Land Project. 2015; Tema: Mudabça de uso da terra. (Site).


Demais tipos de produção técnica
1.
Nobre, P ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; PAULA, A. . Relatório de atividades 2011.1012-Rede Brasileira de Pesquisas Sobre Mudanças climáticas. 2013. (Relatório de pesquisa).

2.
Nobre, C.A. ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; PAULA, A. ; MORAIS, M. . Relatório de atividades do INCT para Mudanças Climáticas (2011-2013). 2013. (Relatório de pesquisa).

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . O Futuro que queremos: Economia Verde, desenvolvimento sustentável e erradicação da pobreza. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Cartilha educativa).

4.
Nobre, P ; Arraut, E ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; PAULA, A. . Relatório de atividades INCT para Mudanças Climáticas (2010-2011). 2012. (Relatório de pesquisa).

5.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Importância da Cobertura Vegetal para a Manutenção dos recursos hídricos, da biodiversidade e prevenção de acidentes. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
Nobre, P ; Arraut, E ; SCARPA, Fabiano Micheletto ; PAULA, A. ; MARTINS, A. . Rede Clima-Relatório de atividades (2010-2011). 2011. (Relatório de pesquisa).

7.
SCARPA, Fabiano Micheletto; Trevizan, G ; Ságio, L ; Sousa, F . Uso Sustentável do reservatório da PCH Jacaré. 2011. (Estududo Ambiental).


Produção artística/cultural
Artes Visuais
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . O Futuro que queremos. 2012. Vídeo.

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. ; INTERACT, F. . Teste sua pegada Ecológica. 2012. WebArt.



Bancas




Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
LEITE, F. P. P.; SCARPA, Fabiano Micheletto. Banca corretora das provas de Biologia Unicamp. 2004. Fundação de Desenvolvimento da UNICAMP.

2.
LEITE, F. P. P.; SCARPA, Fabiano Micheletto. Banca corretora das provas de Biologia Unicamp. 2003. Fundação de Desenvolvimento da UNICAMP.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
AGU Fall Meeting. The Role of Research Coordination in Enhancing Integrative Research: the Co-production of Knowledge Agenda of the Global Land Programme. 2015. (Congresso).

2.
. 56 Congresso Nacional de Botânica. 2005. (Congresso).

3.
. The Association for Tropical Biology and Conservation. 2005. (Congresso).

4.
. 55 Congresso Nacional de Botânica. 2004. (Congresso).

5.
. XV Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo. 2004. (Congresso).

6.
.III Simpósio Interno do Projeto Parcelas Permanentes. 2004. (Simpósio).

7.
. XIV Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo. 2002. (Congresso).

8.
53 Congresso Nacional de Botânica. 53 Congresso Nacional de Botânica. 2002. (Congresso).

9.
Workshop "Estudos e Prospectivas para Conservação e Manejo da Mata de Santa Genebra.Workshop Estudos e Prospectivas para Conservação e Manejo da Mata de Santa Genebra. 2001. (Outra).

10.
"Workshop: Recuperação de áreas degradadas da serra do mar e de formações florestais litorâneas".Workshop: Recuperação de áreas degradadas da serra do mar e de formações florestais litorâneas. 2000. (Outra).

11.
. VII Congresso Brasileiro de Fisiologia Vegetal. 1999. (Congresso).

12.
. IV Caeb- Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. 1999. (Congresso).

13.
. XLIX Congresso Nacional de Botânica. 1998. (Congresso).

14.
III Congresso Interamericano Sobre El Medio Ambiente. III Congresso Interamericano Sobre El Medio Ambiente. 1996. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto; BOILLAT, S. P. ; OMETTO, J. P. . Workshop- Land System Science in Latin America: Advances and Perpectives. 2015. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Iniciação científica
1.
Fabiane Artioli. Atributos morfo-fisiológicos em espécies do Cerrado e da Mata Atlântica. 2005. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual de Campinas. Orientador: Fabiano Micheletto Scarpa.

2.
Luciana Uehara. Estudo Comparativo abordando germinação, crescimento e anatomia foliar de plântulas de espécies do Cerrado e da Mata Atlântica. 2004. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual de Campinas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Fabiano Micheletto Scarpa.

3.
Jucemary simplício. Influência da luz e temperatura na germinação de Zeyheria tuberculosa e Zeyheria digitalis. 2003. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual de Campinas. Orientador: Fabiano Micheletto Scarpa.

4.
José Miguel Madrid. Efeito da serrapilheira no estabelecimento de espécies tropicais pioneiras e tardias. 2003. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual de Campinas. Orientador: Fabiano Micheletto Scarpa.



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
MIRANDA, J. P.2013MIRANDA, J. P. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Por que a serpente vive mostrando a língua?. Ciencia Hoje das Criancas, v. 252, p. 19-19, 2013.


Livros e capítulos
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . O Futuro que queremos: Economia verde, erradicação da pobreza e desenvolvimento sustentável. 1. ed. São José dos Campos: Inpe, 2012. v. 1. 27p .

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . The Future We All Want. 1. ed. São José dos Campos: Inpe, 2012. v. 1. 27p .

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . Pegada Ecológica: Qual é a sua?. 1. ed. Inpe: Inpe, 2012. 22p .

4.
SCARPA, FABIANO MICHELETTO; PAULA, A. . Novo Clima Novo Ambiente: Por que é importante conservar a biodiversidade. 1. ed. , 2015.

5.
PAULA, A. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Novo clima, novo ambiente : a produção de alimentos. 1. ed. , 2015.

6.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . Novo Clima Novo Ambiente: Energia Renovável e Limpa. 1. ed. , 2015.

7.
PAULA, A. ; SCARPA, Fabiano Micheletto . Novo Clima Novo Ambiente: Água limpa para todos. 1. ed. , 2015.


Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SCARPA, FABIANO MICHELETTO. The Future We all Want. Skeptical Science, Australia.


Apresentações de Trabalho
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Biodiversidade, Biologia Vegetal e Mudanças Climáticas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Economia verde e Sustentabilidade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Biodiversidade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Economia verde, Sustentabilidade e Erradicação da Pobreza. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Why we need science communication: Lessons from the Brazilian Network on Global Climate Change (Rede Clima). 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto. TV Globo. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SCARPA, Fabiano Micheletto. Rede TV-Good News. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
SCARPA, Fabiano Micheletto. TV Brasil. 2012.


Artes Visuais
1.
SCARPA, Fabiano Micheletto; PAULA, A. . O Futuro que queremos. 2012. Vídeo.



Outras informações relevantes


1-Palestrante da Conferência das Nações Unidas Rio + 20: Biodoversidade, Biologia Vegetal e Mudanças Climáticas (2012).

2- Revisor técnico da versão em português dos documentos- Recomendações para a Rio + 20 (2012)

3-Participou da elaboração do trabalho vencedor na área de comunicação científica, recebendo o prêmio lettering (2013)



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/10/2018 às 11:26:17