Renato Bortoloti

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4872607031009070
  • Última atualização do currículo em 14/08/2018


Possui graduação em Psicologia pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar - 2000), Doutorado em Teoria e Pesquisa do Comportamento pela Universidade Federal do Pará (2007) e Pós-Doutorado em Psicologia pela UFSCar (2007-2011). É Professor do Departamento de Psicologia da Universidade Federal de Minas Gerais. Atua nas áreas de processos psicológicos básicos, psicologia experimental, processos básicos da linguagem e eletrofisiologia da função simbólica. Membro da Diretoria Científica do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia sobre Comportamento, Cognição e Ensino (INCT-ECCE, Processo CNPq 465686/2014-1, Processo FAPESP 2014/50909-8). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Renato Bortoloti
Nome em citações bibliográficas
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Minas Gerais, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Psicologia.
Av. Antônio Carlos, 6627
Pampulha
31270901 - Belo Horizonte, MG - Brasil
Telefone: (31) 34095027


Formação acadêmica/titulação


2003 - 2007
Doutorado em Psicologia - Teoria e Pesquisa do Comportamento.
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
com período co-tutela em Universidade Federal de São Carlos (Orientador: Julio Cesar Coelho de Rose).
Título: Investigação de propriedades quantitativas de relações simbólicas em quatro estudos experimentais envolvendo o paradigma de equivalência de estímulos, Ano de obtenção: 2007.
Orientador: Olavo de Faria Galvão.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Equivalência de estímulos; Transferência de funções; Medida de significado.
2001 - 2003
Mestrado em Psicologia (Teoria e Pesquisa do Comportamento).
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Título: Medidas não-convencionais de transferência de funções entre expressões faciais e figuras abstratas,Ano de Obtenção: 2003.
Orientador: Olavo de Faria Galvão.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Equivalência de estímulos; Transferência de funções; Medida de significado; Expressões faciais; Controle discriminativo.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia Experimental / Especialidade: Processos Cognitivos e Atencionais.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia Experimental / Especialidade: Estados Subjetivos e Emoção.
1999 - 2000
Graduação em Formação de Psicólogo.
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Título: Pânico, ansiedade e hipocondria ou tatos distorcidos?: Uma proposta de análise e intervenção em terapia comportamental.
Orientador: Wilton de Oliveira Hélio José Guilhardi.
1996 - 1999
Graduação em Bacharelado em Psicologia.
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Título: Efeitos da exposição anterior a choques controláveis sobre o desempenho de fuga em ratos expostos a eventos incontroláveis.
Orientador: Júlio César Coelho de Rose.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Pós-doutorado


2007 - 2011
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia Experimental.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Processos Simbólicos.


Formação Complementar


2010 - 2011
Estágio em laboratório de eletrofisiologia da UMMS. (Carga horária: 120h).
University of Massachusetts Boston, UMass Boston, Estados Unidos.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto A, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2014
Vínculo: Pesquisador Associado, Enquadramento Funcional: Pesquisador Associado

Atividades

07/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Educação e Ciências Humanas, Departamento de Psicologia.

Linhas de pesquisa
Comportamento simbólico
12/2010 - 02/2011
Estágios , Centro de Educação e Ciências Humanas, Departamento de Psicologia.

Estágio realizado
Estágio realizado em laboratório de eletrofisiologia da University of Massachusetts Medical School (EUA), a convite do Dr. William J. McIlvane e da Dra. Teresa Mitchell.
11/2010 - 11/2010
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Temas em Psicologia: Modelos e Técnicas de Representação de Redes Semânticas. Método Distsem
08/2010 - 09/2010
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Psicologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Análise comportamental de relações implícitas
08/2005 - 01/2009
Extensão universitária , Centro de Educação e Ciências Humanas, Departamento de Psicologia.

Atividade de extensão realizada
Parceria com prefeitura para intervenção sobre dificuldades de alfabetização.
08/2007 - 12/2007
Ensino, Letras, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Psicologia da Educação: Aprendizagem


Linhas de pesquisa


1.
Comportamento simbólico


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Análise comportamental e eletrofisiológica de processos simbólicos
Descrição: Análise comportamental e eletrofisiológica de processos simbólicos com base no Modelo de Equivalência de Estímulos: investigação sobre aquisição de significado por estímulos arbitrários e sobre a modulação desse processo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
INVESTIGAÇÃO DE CONDIÇÕES QUE AFETAM O GRAU DE RELACIONAMENTO DE ESTÍMULOS EQUIVALENTES POR MEIO DE POTENCIAIS RELACIONADO A EVENTOS
Descrição: Este projeto enfoca a análise comportamental do funcionamento simbólicos. Medidas eletrofisiológicas amplamente utilizadas em pesquisas linguísticas são usadas para 1) examinar como estímulos arbitrários se tornam símbolos e adquirem significado e 2) investigar variáveis que podem interferir nesse processo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Investigação de condições que afetam o grau de relacionamento de estímulos equivalentes por meio de potenciais relacionados ao evento
Descrição: O modelo de equivalência de estímulos desenvolvido por Sidman e colaboradores fornece critérios operacionais para identificar funções simbólicas em comportamentos observáveis e para simular em laboratório relações simbólicas que ocorrem em situações naturais. Este projeto busca investigar a validade do modelo e também as condições que afetam o grau de relacionamento de estímulos equivalentes por meio da extração de potenciais relacionados a eventos (ERPs)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Investigação de propriedades quantitativas de relações simbólicas por meio de potenciais relacionados ao evento
Descrição: Este projeto pretende fazer avançar uma linha de investigação baseada na combinação de procedimentos comportamentais e eletrofisiológicos para o estudo de relações simbólicas. A metodologia se presta a uma ampla variedade de relações que caracterizam o responder relacional complexo humano. O uso de potenciais relacionados a eventos (ERPs) permitirá não apenas investigar a atividade cortical relacionada aos processos simbólicos que vêm sendo estudados a partir do modelo de equivalência de estímulos, como também poderá permitir o aperfeiçoamento do modelo. O principal objetivo do projeto será verificar se diferentes parâmetros experimentais podem determinar diferentes graus de relacionamento entre estímulos equivalentes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2014
Investigação de condições que afetam o grau de relacionamento de estímulos equivalentes por meio de potenciais relacionados ao evento
Descrição: O modelo de equivalência de estímulos desenvolvido por Sidman e colaboradores fornece critérios operacionais para identificar funções simbólicas em comportamentos observáveis e para simular em laboratório relações simbólicas que ocorrem naturalmente. Saber se relações de equivalência podem ser estabelecidas em níveis diferentes ? e, em caso positivo, conhecer as condições que favorecem o estabelecimento de relações mais consistentes ? é um desafio científico que tem implicações não apenas teóricas, mas também para a prática de pesquisas básicas, translacionais e aplicadas que envolvem o paradigma de equivalência de estímulos. A metodologia especificada pelo paradigma de equivalência, baseada em procedimentos de emparelhamento ao modelo, tem poucos recursos para determinar qualquer diferença quantitativa entre as relações estabelecidas. Estimativas sobre variações no grau de relacionamento de estímulos equivalentes têm sido feitas de maneira indireta ? por exemplo, pela mensuração do nível de transferência de funções estabelecido entre os estímulos de uma mesma classe. Este projeto propõe o desenvolvimento de uma nova linha de investigação para medir o grau de relacionamento entre estímulos de forma mais direta, por meio de técnicas de extração de potenciais relacionados ao evento. São propostos estudos para investigar se o grau de relacionamento entre estímulos equivalentes varia, por exemplo, em função do conteúdo emocional das classes estabelecidas e de diversos parâmetros experimentais de procedimentos de ensino..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
SOBRE A ATIVIDADE SIMBÓLICA DEFINIDA NOS TERMOS DO MODELO DE EQUIVALÊNCIA DE ESTÍMULOS: VALIDAÇÃO E INVESTIGAÇÃO PARAMÉTRICA
Descrição: O modelo de equivalência de estímulos definiu comportamentos simbólicos com base em critérios operacionais que permitiram simular experimentalmente o uso de símbolos. Essa definição operacional especificou, por exemplo, testes precisos que parecem confirmar se as relações comportamentais estudadas atingem ou não os critérios para serem consideradas como relações simbólicas. Reconhecendo-se isso, é preciso reconhecer também que esses testes não são capazes de capturar todas as dimensões do funcionamento simbólico, já que, na maioria dos casos, eles permitem apenas classificar de forma categórica os estímulos envolvidos como equivalentes ou não equivalentes. Este projeto compreende estudos que utilizarão medidas comportamentais e eletrofisiológicas para (1) validar a definição operacional do modelo de equivalência de estímulos e (2) investigar dimensões quantitativas da atividade simbólica que o modelo de equivalência permite simular..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
Investigação de propriedades quantitativas de relações simbólicas
Descrição: O modelo de equivalência de estímulos definiu comportamentos simbólicos oferecendo critérios operacionais que permitiram simulações experimentais da aquisição e manipulação de símbolos. Bortoloti e de Rose têm conduzido investigações para validar a equivalência como modelo do significado e avaliar propriedades quantitativas de relações simbólicas simuladas experimentalmente. Resultados obtidos em trabalhos que utilizaram um instrumento de diferencial semântico na avaliação de estímulos equivalentes são fornecidos pelos autores como evidências empíricas de que relações de equivalência podem conferir significado a estímulos inicialmente desprovidos desta função. Além disso, o diferencial semântico tem permitido avaliar propriedades quantitativas de relações de equivalência a partir da mensuração do nível de transferência de significados ocorrido nas classes estabelecidas. Nos trabalhos já desenvolvidos, o nível de transferência de significados pareceu variar sistematicamente de acordo com os parâmetros experimentais envolvidos. Variações na transferência de funções indicam variações no grau de relacionamento de estímulos equivalentes. O presente projeto explora esta linha de investigação, dando continuidade a estudos de Bortoloti e de Rose. Serão conduzidos estudos para avaliar os efeitos de diferentes parâmetros de procedimento sobre a transferência de funções entre estímulos equivalentes e estão previstas comparações das medidas obtidas com as escalas de diferencial semântico com outras medidas de transferência de funções entre estímulos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2011
Investigação de aspectos quantitativos de relações simbólicas e da aplicação de programas educacionais em larga escala
Descrição: Este projeto compreende duas linhas de investigação articuladas em torno de pesquisas básicas e aplicadas envolvendo o paradigma de equivalência de estímulos. A primeira delas pretende dar continuidade ao estudo de propriedades quantitativas de relações simbólicas utilizando uma metodologia que permite quantificar a transferência de funções entre estímulos. O grau de transferência de funções estabelecido a partir de manipulações experimentais distintas será medido e comparado. A segunda linha de investigação tem por objetivo a busca de elementos que permitam consolidar a aplicação em larga escala, diretamente em escolas da rede pública, de programas individualizados para o ensino de leitura e escrita baseados no modelo de equivalência. Pretende-se investigar as condições e resultados da aplicação remota de um programa em operação e, eventualmente, propor adaptações para que seu uso possa ser estendido a outras escolas ou municípios interessados..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2007 - 2010
Parceria com prefeitura para intervenção sobre dificuldades de alfabetização

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Deisy das Graças de Souza em 06/03/2014.
Descrição: Aplicação de um programa individualizado de leitura e escrita em escolas públicas de um município do sul de Minas Gerais. Projeto aprovado pela Pró-Reitoria de Extensão da UFSCar..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Revisor de periódico


2007 - Atual
Periódico: Acta Comportamentalia
2005 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Análise do Comportamento
2014 - Atual
Periódico: Interação (Curitiba) (Cessou em 2001. Cont. ISSN 1981-8068 Interação em Psi
2013 - Atual
Periódico: Temas em Psicologia (Ribeirão Preto)
2015 - Atual
Periódico: Psicologia: Teoria e Pesquisa (Brasília. Online)
2015 - Atual
Periódico: Psychology & Neuroscience (Impresso)


Revisor de projeto de fomento


2008 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Psicologia Experimental.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Análise do Comportamento.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Processos Simbólicos.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Psicologia / Subárea: Eletrofisiologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:20
Total de citações:361
Renato Bortoloti; Bortoloti, R.  Data: 28/04/2017

Artigos completos publicados em periódicos

1.
SILVEIRA, MARCELO VITOR2016SILVEIRA, MARCELO VITOR ; AGGIO, NATALIA MARIA ; CORTEZ, MARIÉLE DINIZ ; BORTOLOTI, R. ; RICO, VIVIANE VERDU ; de Rose, J. C. . Maintenance of Equivalence Classes and Transfer of Functions: The Role of the Nature of Stimuli. The Psychological Record, v. 66, p. 65-74, 2016.

2.
Almeida, J. H.2014Almeida, J. H. ; BORTOLOTI, R. ; Ferreira, P. R. S. ; Schelini, P. W. ; de ROSE, J. C. . Análise da Validade e Precisão de Instrumento de Diferencial Semântico. Psicologia: Reflexão e Crítica (UFRGS. Impresso), v. 27, p. 272-281, 2014.

3.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2014BORTOLOTI, R.; Pimentel, N. ; de ROSE, J. C. . Electrophysiological investigation of the functional overlap between semantic and equivalence relations. Psychology & Neuroscience (Impresso), v. 7, p. 183-191, 2014.

4.
RABELO, LAURA Z.2014RABELO, LAURA Z. ; BORTOLOTI, RENATO ; SOUZA, DEBORA H. . Dolls are for Girls and Not for Boys: Evaluating the Appropriateness of the Implicit Relational Assessment Procedure for School-Age Children. The Psychological Record, v. 64, p. 71-77, 2014.

5.
BORTOLOTI, RENATO2013BORTOLOTI, RENATO; RODRIGUES, NAOMI ; CORTEZ, MARIÉLE ; PIMENTEL, NAIENE ; ROSE, JULIO . Overtraining increases the strength of equivalence relations. Psychology & Neuroscience (Impresso), v. 6, p. 357-364, 2013.

6.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2012BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Equivalent Stimuli Are More Strongly Related after Training with Delayed Matching: A Study Using the Implicit Relational Assessment Procedure (IRAP). The Psychological Record, v. 62, p. 41-54, 2012.

7.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2011BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Avaliação do efeito de dica semântica e da indução de significado entre estímulos abstratos equivalentes. Psicologia: Reflexão e Crítica (UFRGS. Impresso), v. 24, p. 1-13, 2011.

8.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2011BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . An ?Orwellian? account of stimulus equivalence. Are some stimuli ?more equivalent? than others?. European Journal of Behavior Analysis, v. 12, p. 121-134, 2011.

9.
de Souza, D. G.2009de Souza, D. G. ; de ROSE, J. C. ; Faleiros, T. C. ; BORTOLOTI, R. ; Hanna, E. S. ; MACILVANE, W. J. . Teaching Generative Reading Via Recombination of Minimal Textual Units: A Legacy of Verbal Behavior to Children in Brazil. International Journal of Psychology and Psychological Therapy (Ed. Impresa), v. 9, p. 19-44, 2009.

10.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2009BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Assessment of the relatedness of equivalent stimuli through a semantic differential. The Psychological Record, v. 59, p. 563-590, 2009.

11.
Domeniconi, C.2009Domeniconi, C. ; ANTONIAZZI, L. ; Mendes, T. E. ; BORTOLOTI, R. . Treinos de discriminação simples e formação de classes funcionais de estímulos por cães. Interação (Curitiba), v. N, p. N, 2009.

12.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2008BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Transferência de significado de expressões faciais apresentadas brevemente para estímulos abstratos equivalentes a elas. Acta Comportamentalia, v. 16, p. 223-241, 2008.

13.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2007BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Medida do grau de relacionamento entre estímulos equivalentes. Psicologia: Reflexão e Crítica (UFRGS. Impresso), v. 20 (2), p. 250-256, 2007.

14.
de ROSE, J. C.2007de ROSE, J. C. ; BORTOLOTI, R. . A equivalência de estímulos como modelo de significado. Acta Comportamentalia, v. 15, p. 83-102, 2007.

15.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2007BORTOLOTI, R.; D'AGOSTINO, R. . Ações pelo controle reprodutivo e posse responsável de animais domésticos interpretadas à luz do conceito de metacontingência. Revista Brasileira de Análise do Comportamento, v. 3, p. 235-249, 2007.

16.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2006BORTOLOTI, R.; REIS, M. J. D. ; de ROSE, J. C. . Efeitos de seis manipulações experimentais sobre a aprendizagem de uma nova resposta de fuga. Interação (Curitiba), v. 10 (2), p. 313-319, 2006.

17.
BORTOLOTI, R.;BORTOLOTI, RENATO2005BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. ; GALVÃO, Olavo de Faria . Tempo de detecção de estímulos abstratos equivalentes a expressões faciais. Temas em Psicologia (Ribeirão Preto), v. 13 (1), p. 52-60, 2005.

Capítulos de livros publicados
1.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Relações de Equivalência como Modelo de Relações Semânticas. In: Júlio César de Rose; Maria Stella Coutinho de Alcantara Gil; Deisy das Graças de Souza. (Org.). COMPORTAMENTO SIMBÓLICO: BASES CONCEITUAIS E EMPÍRICAS (no prelo). 1ed.São Paulo: Editora da UNESP, 2014, v. , p. 00-.

2.
CASTRO, M. S. L. B. ; MELLO, E. L. ; BORTOLOTI, R. . Metacontingência como ferramenta de análise. In: Candido V. B. B. Pessôa; Carlos Eduardo Costa; Marcelo Frota Benvenuti. (Org.). Comportamento em Foco 1. 1ed.São Paulo: Associação Brasileira de Psicologia e Medicina Comportamental ? ABPMC, 2012, v. , p. 113-124.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Happy Faces Are More Salient Than Angry Faces in both Equivalence and ERP Experiments. In: ABAI 40th Annual Convention, 2014, Chicago. Proceedings of the ABAI 40th Annual Convention, 2014.

2.
Cortez, M. D. ; de ROSE, J. C. ; BORTOLOTI, R. . Relatedness of stimuli in equivalence classes as a function of amount of training: possible influence of response topography. In: ABAI 39th Annual Convention, 2013, Mineápolis, EUA. ABAI 39th Annual Convention, 2013.

3.
BORTOLOTI, R.; Pimentel, N. ; de ROSE, J. C. . Electrophysiological investigation of the functional overlap between semantic and equivalence relations. In: ABAI 39th Annual Convention, 2013, Mineápolis, EUA. ABAI 39th Annual Convention, 2013.

4.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . A happy face advantage in IRAP tasks. In: ABAI Seventh International Conference, 2013, Mérida, México. ABAI Seventh International Conference, 2013.

5.
BORTOLOTI, R.; Mitchell, T. ; de ROSE, J. C. . Assessment of the Relatedness of Equivalent Stimuli Through Event-Related Potentials. In: ABAI 38th Annual Convention, 2012, Seattle, EUA. ABAI 38th Annual Convention, 2012.

6.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. ; Rodrigues, N. C. . Overtraining Increases Relatedness Of Equivalent Stimuli. In: ABAI Sixth International Conference, 2011, Granada, Espanha. ABAI Sixth International Conference, 2011.

7.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Asessment of the relatedness of equivalent stimuli through the implicit relational assessment procedure (IRAP). In: 36th Annual Convention of the Association for Behavior Analysis, 2010, San Antonio - Texas. Proceedings of the 36th Annual Convention of the Association for Behavior Analysis, 2010.

8.
BORTOLOTI, R.; D'AGOSTINO, R. . Da prática cultural skinneriana à metacontingência como ferramenta de análise: limites, possibilidades e um caso bem sucedido. In: XVIII Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2009, Campinas. Anais do XVIII Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2009.

9.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Evaluation of semantic properties of equivalent abstract pictures. In: 117th Annual Convention of the American Psychological Association, 2009, Toronto. Proceedings of the 117th Annual Convention of the American Psychological Association, 2009.

10.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Avaliação de propriedades semânticas de figuras abstratas equivalentes. In: XVII Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2008, Campinas. Resumos de Comunicações Científicas, 2008.

11.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. ; de Souza, D. G. . Avaliando a aplicação de um programa de ensino de leitura em escolas públicas de um município de pequeno porte. In: XVII Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2008, Campinas. Resumos de Comunicações Científicas, 2008.

12.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Stimulus equivalence as a model of meaning. In: Fourth Conference of the European Association for Behaviour Analysis, 2008, Madrid. Proceedings, 2008.

13.
REIS, T. ; BORTOLOTI, R. ; de Souza, D. G. ; de ROSE, J. C. . Implementação de um currículo suplementar para o ensino de leitura e escrita aplicado em ambiente escolar. In: XXXVII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2007, Florianópolis. Resumos de Comunicações Científicas, 2007.

14.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Equivalência de estímulos: questões atuais e empíricas. In: XV Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2006, Brasília. Anais do XV Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2006.

15.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Efeito do matching atrasado sobre a transferência de funções entre estímulos equivalentes. In: XXXV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2005, Curitiba. Resumos de Comunicações Científicas da XXXV Reunião Anual de Psicologia, 2005.

16.
BORTOLOTI, R.; D'AGOSTINO, R. . Um Programa de Controle de Natalidade Animal Interpretado à Luz do Conceito de Metacontingência. In: XIV Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2005, Campinas. Anais do XIV Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2005.

17.
BORTOLOTI, R.. Estudos Experimentais sobre Controle de Estímulos. In: XXXV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2005, Curitiba. Anais da XXXV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2005.

18.
BORTOLOTI, R.; ROSE, Júlio César de ; GALVÃO, Olavo de Faria . Tempo de detecção - e medida de transferência de funções com escala bipolar - de estímulos abstratos equivalentes a expressões faciais. In: VII Semana Científica do Laboratório de Psicologia da Universidade Federal do Pará, 2004, Belém (PA). Anais da VII Semana Científica do Laboratório de Psicologia da Universidade Federal do Pará, 2004.

19.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Diferenças na Latência de Identificação de Figuras Abstratas Equivalentes a Expressões Faciais de Alegria, Raiva e Nojo. In: XII Brazilian Meeting of the Behavioral Psychoterapy and Medicine Association and the II Congress of the Association for Behavior Analysis, 2004, Campinas. Proceedings of the XIII Brazilian Meeting of the Behavioral Psychotherapy and Medicine Association and II Congress of the Association for Behavior Analysis, 2004.

20.
BORTOLOTI, R.; ROSE, Júlio César de ; GALVÃO, Olavo de Faria . Tempo de detecção de estímulos abstratos equivalentes a expressões faciais encobertas. In: XXXIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de PsicologiaI, 2003, Belo Horizonte (MG). Anais da XXXIII Reunião Anual de Psicologia, 2003.

21.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. ; GALVÃO, Olavo de Faria . Transferência de Funções entre Expressões Facias Encobertas e Estímulos Abstratos Equvalentes a Elas. In: XXXIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2003. Anais da XXXIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2003.

22.
CAETANO, M. S. ; de ROSE, J. C. ; BORTOLOTI, R. . Relatedness of equivalent stimuli as a function of the number of nodes. In: 28th Annual Convention of Association for Behavior Analysis, 2002, Tortonto. Annals of 28th Annual Convention of Association for Behavior Analysis, 2002.

23.
BORTOLOTI, R.; ROSE, Júlio César de ; CAETANO, M. S. ; GALVÃO, Olavo de Faria . Tempo de detecção de estímulos abstratos equivalentes a expressões faciais.. In: XXXII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2002, Florianópolis (SC). Anais da XXXII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2002.

24.
BORTOLOTI, R.; CAETANO, M. S. ; ROSE, Júlio César de . Medindo o grau de equivalência de estímulos em função do número de nódulos.. In: XXXII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2002, Florianópolis (SC). Anais da XXXII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2002.

25.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . Uma proposta de avaliação quantitativa de equivalência de estímulos e transferência de funções. In: XXIXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2001, Rio de Janeiro (RJ). Anais da XXIXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2001. p. 46.

26.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. ; Turma A de Pesquisa em Psicologia I da UFCar . Aquisição do significado de expressões faciais por estímulos abstratos equivalentes a elas. In: XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2001, Rio de Janeiro (RJ). Anais da XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2001. p. 127-128.

27.
da COSTA, A. R. A. ; BORTOLOTI, R. ; SALGADO, R. C. ; de ROSE, J. C. . Mapeamento simbólico emergente e testes de aprendizagem em crianças com desenvolvimento normal. In: XXX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2000, Brasília (DF). Anais da XXX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 2000. p. 85.

28.
BORTOLOTI, R.; OLIVEIRA, W. . Pânico, ansiedade e hipocondria ou tatos distorcidos?: Uma proposta de análise e procedimento em terapia comportamental. In: IX Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2000, Campinas (SP). Anais do IX Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental, 2000.

29.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C. . O efeito de interferência da estimulação aversiva incontroláves sobre a aprendizagem de respostas operantes positivamente reforçadas em esquemas múltiplos. In: VIII Congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal do São Carlos, 2000, São Carlos (SP). Anais do VIII Congresso de Iniciação Científica da UFSCar, 2000.

30.
REIS, M. J. D. ; BORTOLOTI, R. ; BRINO, A. L. F. ; BORGES, J. C. ; HIDALGO, M. ; ALVES JR, C. ; LOPES, C. E. ; NOGUEIRA, S. G. . Levantamento de necessidades de serviços em instituição penal. In: II Encontro de Extensão da Universidade Federal de São Carlos, 1999, São Carlos (SP). Anais do II Encontro de Extensão da UFSCar, 1999. p. 90.

31.
REIS, M. J. D. ; BORTOLOTI, R. ; BRINO, A. L. F. ; BORGES, J. C. ; HIDALGO, M. ; ALVES JR, C. ; LOPES, C. E. ; NOGUEIRA, S. G. . Caracterização da população carcerária e levantamento de necessidades em instituição penal. In: XXIX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 1999, Campinas (SP). Anais da XXIX Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 1999. p. 301-302.

32.
BORTOLOTI, R.; ZACHARIAS, A. P. L. ; REIS, M. J. D. ; de ROSE, J. C. . Efeitos da exposição anterior a eventos controláveis sobre o desempenho de fuga em ratos expostos a eventos incontroláveis. In: VI Congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal do São Carlos, 1998, São Carlos (SP). Anais do VI Congresso de Iniciação Científica da UFSCAR, 1998.

33.
BORTOLOTI, R.; ZACHARIAS, A. P. L. ; REIS, M. J. D. ; de ROSE, J. C. . Efeitos da exposição anterior a eventos controláveis sobre o desempenho de fuga em ratos expostos a eventos incontroláveis. In: XXVII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 1998, Ribeirão Preto (SP). Anais da XXVII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia, 1998. p. 87-88.


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2010.

2.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2010.

3.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2010.

4.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2009.

5.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2008.

6.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2008.

7.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2008.

8.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2008.

9.
BORTOLOTI, R.. Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. 2008.

Trabalhos técnicos
1.
BORTOLOTI, R.. Revista Brasileira de Análise do Comportamento. 2010.

2.
BORTOLOTI, R.. Revista Brasileira de Análise do Comportamento. 2009.

3.
BORTOLOTI, R.. Revista Brasileira de Análise do Comportamento. 2009.

4.
BORTOLOTI, R.. Brazilian Journal of Behavior Analysis. 2008.

5.
BORTOLOTI, R.. Acta Comportamentalia. 2007.

6.
BORTOLOTI, R.. Acta Comportamentalia. 2007.

7.
BORTOLOTI, R.. Revista Brasileira de Análise do Comportamento. 2006.

8.
BORTOLOTI, R.. Revista Brasileira de Análise do Comportamento. 2005.


Demais tipos de produção técnica
1.
BORTOLOTI, R.; da COSTA, A. R. A. . Análise de processos simbólicos a partir do modelo de equivalência de estímulos e do responder por exclusão. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

Demais trabalhos
1.
BORTOLOTI, R.; OLIVEIRA, W. ; GUILHARDI, H. J. . Intervenção em psicologia clínica: atendimento terapêutico em situação clínica segundo o modelo de seleção do comportamento pelas conseqüências. 2000 (Projeto de extensão) .

2.
BORTOLOTI, R.; REIS, M. J. D. . Análise e programação de contingências junto a grupos - caracterização e levantamento de necessidades de uma população carcerária. 1999 (Projeto de extensão) .

3.
BORTOLOTI, R.; MANICAS, G. C. O. F. . Acompanhamento terapêutico em psicologia clínica - atendimento a portadores de HIV. 1998 (Projeto de extensão) .

4.
BORTOLOTI, R.; ROSE, T. M. S. . Programa de apoio a escolares com dificuldades de aprendizagem. 1997 (Projeto de extensão) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BORTOLOTI, RENATO; JAEGER, A.; HUZIWARA, E. M.. Participação em banca de Ana Paula Rubert Alves de Azevedo. Modulação do Efeito IRAP por expressões de alegria e raiva e a interferência da ansiedade e da depressão neste processo. 2018. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
BORTOLOTI, R.; JAEGER, A.; HAASE, V. G.; JULIO-COSTA, A.. Participação em banca de Joana D?Arc Assunção Nogueira de Oliveira. Efeito do jogo SENHA em funções executivas. 2018. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Gabriela Santos Rodrigues. Evocação de memórias episódicas em meditadores Gurdjieff. 2017. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
HUZIWARA, E. M.; GOULART, P. R. K.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Ryan Ríguel Barbosa do Espírito Santo. O N400 como medida de avaliação do grau de relacionamento entre estímulos equivalentes. 2017. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
BORTOLOTI, R.; HAASE, V. G.; JAEGER, A.; HUBBARD, E.. Participação em banca de Isabella Starling Alves. Nonsymbolic and Symbolic Processing in Children with Mathematical Difficulties. 2017. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
JAEGER, A.; HAASE, V. G.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de MARIUCHE RODRIGUES DE ALMEIDA GOMIDES. APRENDIZAGEM DOS FATOS ARITMÉTICOS: IMPLICAÇÕES TEÓRICAS E PRÁTICAS. 2016. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Deisiane Oliveira Souto. Imagética motora: desenvolvimento, neuropsicologia e uso na reabilitação de crianças com paralisia cerebral hemiplégica. 2016. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

8.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Mariana Zago Castelli. Intervenções para redução de preconceito étnico: efeitos sobre preconceito implícito e percepção de pares em escolares. 2016. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade de São Paulo.

9.
ROSE, Júlio César de; Domeniconi, C.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Thácita Medrado Mizael. Preconceito racial em crianças de idade escolar: uma replicação sistemática. 2015. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos.

10.
RIBEIRO, A. M.; JAEGER, A.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Isabela Cristina Campos de Sena. O aprendizado de uma tarefa de navegação espacial altera os níveis de GABA no hipocampo de camundongos Swiss. 2015. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

11.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de DIEGO FELIPE SILVEIRA SEABRA. RELAÇÕES DE EQUIVALÊNCIA ENTRE ELEMENTOS DE FUNÇÕES DO PRIMEIRO GRAU EM ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL. 2014. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos.

12.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Ana Beatriz Dornellas Tabbal Chamati. Discriminação de expressões faciais por crianças: um treino de discriminação condicional. 2013. Dissertação (Mestrado em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

13.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Marilia Pinheiro de Carvalho. Reversão de equivalência de estímulos e mudança de atitude preconceituosa. 2009. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos.

14.
de Souza, D. G.; BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C.; AIELLO, A. L. R.. Participação em banca de Thaíze de Souza Reis. Avaliando a implementação de um programa suplementar para o ensino de leitura e escrita em ambiente escolar. 2007. Dissertação (Mestrado em Educação Especial (Educação do Indivíduo Especial)) - Universidade Federal de São Carlos.

15.
de ROSE, J. C.; de Souza, D. G.; Domeniconi, C.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Priscila Crespilho Grisante. Função simbólica e topografia de controle de estímulo: condições necessárias e suficientes para formação e expansão de relações simbólicas. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação Especial (Educação do Indivíduo Especial)) - Universidade Federal de São Carlos.

Teses de doutorado
1.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de SILVANA LOPES DOS SANTOS. Investigando a influência de personagens nas escolhas e preferências alimentares de crianças por meio do paradigma da equivalência de estímulos. 2017.

2.
Domeniconi, C.; SCHMIDT, A.; BORTOLOTI, R.; Ferreira, P. R. S.; de ROSE, J. C.. Participação em banca de Nathália Sabaine Cippola. Reorganização de classes formadas por descrições de contingências sobre escolha profissional em adolescentes. 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos.

3.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Marcelo Vitor da Silveira. CONSEQUÊNCIAS ESPECÍFICAS COMO NÓDULOS PARA O ESTABELECIMENTO DE CLASSES DE EQUIVALÊNCIA E TRANSFERÊNCIA DE FUNÇÃO. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos.

4.
TIERRA-CRIOLLO, C. J.; TEIXEIRA-SALMELA, L. F.; MENEGALDO, L. L.; SANTOS FILHO, S. A.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Rodrigo Gontijo Cunha. Prática mental funcional orientada a tarefa da marcha de amputados de membro inferior. 2015. Tese (Doutorado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Carmen Silva Motta Bandini. A geratividade do Comportamento Verbal: divergências entre as propostas de B. F. Skinner e N. Chomsky. 2008. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de São Carlos.

Qualificações de Doutorado
1.
de Souza, D. G.; BORTOLOTI, R.; VERDU, A. C. M. A.; GIACHETI, C. M.. Participação em banca de Renato Bortoloti. Medidas eletrofisiológicas de crianças com e sem transtornos da comunicação em tarefa de julgamento semântico. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos.

2.
JAEGER, A.; BORTOLOTI, R.; HUZIWARA, E. M.; CARDOSO, R.. Participação em banca de RODRIGO FAUCZ PEREIRA E SILVA. A PROVA TESTEMUNHAL A PARTIR DE PESQUISAS SOBRE A CONFORMIDADE DE MEMÓRIA NO ÂMBITO CRIMINAL. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Priscila Crespilho Grisante. Controle de estímulos e formação de relações simbólicas em pré-escolares e indivíduos com Síndorme de Down. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Educação Especial (Educação do Indivíduo Especial)) - Universidade Federal de São Carlos.

4.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Mariliz Vasconcelos. Aprendizagem relacional em populações com autismo e Asperger. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Educação Especial (Educação do Indivíduo Especial)) - Universidade Federal de São Carlos.

Qualificações de Mestrado
1.
HUZIWARA, E.; de ROSE, J. C.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de GUSTAVO COELHO BELLEZA DIAS. Relações Nome-Objeto Como Condição Para a Modulação do Componente N400 em Experimentos Sobre Equivalência de Estímulos. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia: Cognição e Comportamento) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
HUZIWARA, E.; de ROSE, J. C.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de MAISA KIRCHMAIER TEIXEIRA. O USO DO IRAP NA INVESTIGAÇÃO DE ATITUDES IMPLÍCITAS DE HOMENS HETEROSSEXUAIS E HOMOSSEXUAIS. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia: Cognição e Comportamento) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
BORTOLOTI, R.; de ROSE, J. C.; JAEGER, A.. Participação em banca de JOSÉ CLÁUDIO RODRIGUES DA SILVA. MEDIÇÃO DOS VIESES DE RESPOSTA SEXUAL IMPLÍCITA A IMAGENS DE NUS MASCULINOS E FEMININOS EM HOMENS E MULHERES ANDROFÍLICOS E GINEFÍLICOS USANDO O IRAP E O FAST. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia: Cognição e Comportamento) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
HUZIWARA, E. M.; de ROSE, J. C.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de CESAR SILVA RODRIGUES OLIVEIRA. O IMPLICIT RELATIONAL ASSESSMENT PROCEDURE (IRAP) COMO MEDIDA DO RESPONDER RELACIONAL DE COMPARAÇÃO ENTRE A PREVALÊNCIA DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS E SEUS RESPECTIVOS GRAUS DE ACEITAÇÃO. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia: Cognição e Comportamento) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
HUZIWARA, E. M.; SOUZA, D. H.; BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Ryan Miguel Barbosa do Espírito Santo. O Registro do N400 como medida para formação de classes a partir do controle por rejeição. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Janete Jane Graciano. Prejuízos na memória do dependente químico decorrentes do uso de drogas. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
BORTOLOTI, R.. Participação em banca de Leonardo Tavares Apgáua. Redução da memória de caráter emocional na alexitimia. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
RICO, VIVIANE VERDU; JAEGER, A.; BORTOLOTI, R.. Seleção de professores substitutos para o Setor de Processo Básicos do Departamento de Psicologia da UFMG. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
ALVES, M. M.; JAEGER, A.; BORTOLOTI, R.. Seleção de professor substituto para o Setor de Avaliação Psicológica do Departamento de Psicologia da UFMG. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais.

Outras participações
1.
BORTOLOTI, R.; MORAES, G. S. P.; GONCALVES, F. M.. Seleção de candidatos para Doutorado em Neurociências da UFMG. 2017. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
BORTOLOTI, R.. Seleção de candidatos para o Mestrado em Neurociências da UFMG. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
BORTOLOTI, R.; JAEGER, A.; RICO, VIVIANE VERDU; HUZIWARA, E. M.. Seleção de candidatos para o Mestrado em Psicologia da UFMG. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
BORTOLOTI, R.; RIBEIRO, A. M.. Seleção de candidatos para Doutorado em Neurociências da UFMG. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
XI Simpósio de Pesquisa e Intercâmbio Científico da ANPEPP.Análise Comportamental de Processos Simbólicos. 2006. (Simpósio).

2.
XV Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental.Equivalência de Estímulos: Questões Atuais e Empíricas. 2006. (Encontro).

3.
XIV Encontro Brasileiro de Psicoterapia e Medicina Comportamental.Um Programa de Controle de Natalidade Animal Interpretado à Luz do Conceito de Metacontingência. 2005. (Encontro).

4.
XXXV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia. Estudos Experimentais sobre Controle de Estímulos. 2005. (Congresso).

5.
VII Semana Científica do Laboratório de Psicologia da Universidade Federal do Pará. Tempo de detecção - e medida de transferência de funções com escala bipolar - de estímulos abstratos equivalentes a expressões faciais. 2004. (Congresso).

6.
XII Brazilian Meeting of the Behavioral Psychoterapy and Medicine Association and the II Congress of the Association for Behavior Analysis. Diferenças na Latência de Identificação de Figuras Abstratas Equivalentes a Expressões Faciais de Alegria, Raiva e Nojo. 2004. (Congresso).

7.
X Simpósio de Pesquisa e Intercâmbio Científico da ANPEPP.Análise Comportamental de Processos Simbólicos. 2004. (Simpósio).

8.
XXXIV Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia. 2004. (Congresso).

9.
XXXIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia. Transferência de Funções entre Expressões Faciais Encobertas e Estímulos Abstratos Equivalentes a Elas. 2003. (Congresso).

10.
XXXIII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia.Transferência de Funções entre Expressões Faciais Encobertas e Estímulos Abstratos Equivalentes a Elas. 2003. (Encontro).

11.
I Jornada de Análise do Comportamento.Equivalência de Estímulos. 2002. (Simpósio).

12.
XXXII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Psicologia. Tempo de Detecção de Estímulos Abstratos Equivalentes a Expressões Faciais. 2002. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Grauben Assis ; GAROTTI, M. F. ; ALBUQUERQUE, L. C. ; BORTOLOTI, R. . VII Semana Científica de Psicologia. 2004. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
José Cláudio Rodrigues da Silva. Medida dos vieses de resposta sexual implícita a imagens de nus masculinos e femininos em homens androfílicos e ginefílicos usando o irap. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

2.
JOANA ANDRADE RAMALHO PINTO. Preferência e tomada de decisão entre estímulos visuais de interação (Apps) de dispositivos móveis. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

3.
MAURO CARVALHO REZENDE. Avaliação do funcionamento simbólico de indivíduos vitimados por processos neurodegenerativos. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

Monografias de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Camila Veloso. O uso do IRAP na avaliação do bilinguismo. Início: 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Rodrigo Vianna de Almeida. Investigação de condições que afetam o grau de relacionamento de estímulos equivalentes por meio de potenciais relacionados a eventos e do Implicit Relational Assessment Procedure (IRAP). Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

2.
João Paulo de Assis Ferreira Monteiro. Investigação de condições que afetam o grau de relacionamento de estímulos equivalentes por meio de potenciais relacionados a eventos. Início: 2015. Iniciação científica (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Joana D'Arc Assunção Nogueira de Oliveira. Efeito do jogo SENHA em funções executivas. 2018. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Renato Bortoloti.

2.
ANA PAULA RUBERT ALVES DE AZEVEDO. Modulação do Efeito IRAP por expressões de alegria e raiva e a interferência da ansiedade e da depressão neste processo. 2018. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Renato Bortoloti.

3.
Isabella Starling Alves. Nonsymbolic and Symbolic Processing in Children with Mathematical Difficulties. 2017. Dissertação (Mestrado em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Renato Bortoloti.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Ana Paula Rubert Alves de Azevedo. Como a ansiedade modula o P300 diante de um paradigma emocional oddball. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Neurociências) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Renato Bortoloti.

Iniciação científica
1.
Larissa Pacifico. Investigação de propriedades quantitativas de relações simbólicas por meio de potenciais relacionados a eventos. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Bortoloti.

2.
Samuel Carlos de Souza Oliveira. O uso do IRAP na avaliação da autoestima. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Renato Bortoloti.

3.
Alexandre Freitas Souza Silva. Investigação de aspectos quantitativos de relações simbólicas e da aplicação em larga escala de programas de ensino individualizado. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos. Orientador: Renato Bortoloti.

4.
Naomi Cristina Rodrigues. Investigação de efeitos da quantidade de tentativas de treino e de uma revisão das relações treinadas sobre o grau de relacionamento estímulos equivalentes. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Bacharelado em Psicologia) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Bortoloti.

Orientações de outra natureza
1.
Bruna Stéfany de Oliveira. Avaliação de atribuições de papéis de gênero por meio do Procedimento de Avaliação de Relações Implícitas (IRAP). 2015. Orientação de outra natureza. (Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Renato Bortoloti.

2.
Larissa Pacifico. Avaliação de atribuições de papéis de gênero por meio do Procedimento de Avaliação de Relações Implícitas (IRAP). 2015. Orientação de outra natureza. (Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Renato Bortoloti.

3.
Bianca B. M. Pinho. Avaliação de atribuições de papéis de gênero por meio do Procedimento de Avaliação de Relações Implícitas (IRAP). 2015. Orientação de outra natureza. (Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Renato Bortoloti.

4.
Christopher Davis P. de Andrade. Avaliação de atribuições de papéis de gênero por meio do Procedimento de Avaliação de Relações Implícitas (IRAP). 2015. Orientação de outra natureza. (Psicologia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Renato Bortoloti.



Outras informações relevantes


Gerenciou o projeto de extensão "Parceria com prefeitura para intervenção sobre dificuldades de alfabetização", aprovado pela Pró-Reitoria de Extensão da Universidade Federal de São Carlos. O projeto envolveu a aplicação de um programa de ensino individualizado de leitura e escrita a alunos do ensino fundamental de escolas públicas que fracassaram na aprendizagem dessas habilidades.

Presta, regularmente, assessoria científica para a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e para diversos periódicos científicos, como Psicologia: Teoria e Pesquisa, Psychology & Neuroscience, Acta Comportamentalia, Revista Brasileira de Análise do Comportamento, Perspectivas em Análise do Comportamento e Temas em Psicologia.

Membro da Diretoria Científica do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia sobre Comportamento, Cognição e Ensino (INCT-ECCE, Processo CNPq 465686/2014-1, Processo FAPESP 2014/50909-8).



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/10/2018 às 17:12:37