Fernando Monteiro de Barros Junior

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2024215577890082
  • Última atualização do currículo em 27/03/2018


Professor Adjunto de Literatura Brasileira da Faculdade de Formação de Professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), campus de São Gonçalo, onde atua no Programa de Pós-Graduação em Letras e Linguística (PPLIN), no curso de mestrado profissionalizante em Letras (ProfLetras) e no curso de Especialização em Estudos Literários. Doutor em Letras (Letras Vernáculas - Literatura Brasileira) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2002). Desenvolve os projetos de pesquisa Literatura Gótica Brasileira e O Decadentismo na Poesia Brasileira 1880-1920, dentro da linha de pesquisa "Literatura, teoria e história". Integra o GT Vertentes do Insólito Ficcional (ANPOLL). É membro pesquisador dos grupos (CNPq) Estudos do Gótico (UERJ), Estéticas de Fim-de-Século (UFRJ) e Ressonâncias do Decadentismo na Belle Époque Brasileira (FBN). É também membro do grupo de pesquisa Periódicos e Literatura, da Biblioteca Nacional (FBN). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Fernando Monteiro de Barros Junior
Nome em citações bibliográficas
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE

Endereço


Endereço Profissional
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Faculdade de Formação de Professores, Departamento de Letras.
Rua Dr. Francisco Portela 794
Paraíso
24435000 - São Gonçalo, RJ - Brasil
Telefone: (21) 26043232
Ramal: 221
URL da Homepage: http://www.ffp.uerj.br/


Formação acadêmica/titulação


1996 - 2002
Doutorado em Letras (Letras Vernáculas).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Vampiros na Casa-Grande: Clausura e Poses do Gótico em Lúcio Cardoso, Ano de obtenção: 2002.
Orientador: Ronaldes de Melo e Souza.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Literatura, história e cultura; Literatura, mito e filosofia; Literatura e outras linguagens.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Comparada.
Setores de atividade: Educação Superior.
1991 - 1994
Mestrado em Letras (Letras Vernáculas).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Aristocracia e Monstruosidade: Nostalgia da Aura na Crônica da Casa Assassinada de Lúcio Cardoso,Ano de Obtenção: 1994.
Orientador: Gilda Salem Szklo.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Literatura, história e cultura.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Comparada.
Setores de atividade: Educação Superior.
1990 - 1991
Especialização em Literatura Portuguesa. (Carga Horária: 360h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1988 - 1991
Graduação em Letras.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1984 - 1988
Graduação em Letras.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.




Atuação Profissional



Fundação Biblioteca Nacional, FBN, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Grupo de Pesquisa, Enquadramento Funcional: Grupo de pesquisa Periódicos e Literatura, Carga horária: 0
Outras informações
Membro do grupo de pesquisa Periódicos e Literatura. https://bndigital.bn.br/dossies/periodicos-literatura/


Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Substituto de Agosto de 1997 a Setembro de 1998.

Atividades

04/2016 - Atual
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Letras e Linguística, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Poéticas da Modernidade
11/2014 - Atual
Ensino, ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Leitura do Texto Literário
11/2011 - Atual
Extensão universitária , Centro de Educação e Humanidades, Faculdade de Formação de Professores.

Atividade de extensão realizada
Membro da Comissão Editorial da Revista SOLETRAS.
3/2005 - Atual
Ensino, Especialização Em Estudos Literários, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Literatura: Tradição e Ruptura
Poéticas da Modernidade
10/1998 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

10/1998 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

10/1998 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

Linhas de pesquisa
Estudos do Gótico
10/1998 - Atual
Ensino, Letras, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Literatura Brasileira I
Literatura Brasileira II
Literatura Brasileira III
Literatura Brasileira IV
Teoria Literária I
Teoria Literária II
Fundamentos do Trabalho com o Texto Literário I
Fundamentos do Trabalho com o Texto Literário II
Fundamentos do Trabalho com Leitura e Expressão Escrita
Tópicos Especiais de Lietratura e Cultura
04/2012 - 04/2015
Direção e administração, Centro de Educação e Humanidades, Faculdade de Formação de Professores.

Cargo ou função
Chefe do Departamento de Letras.
04/2012 - 04/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação e Humanidades, Faculdade de Formação de Professores de São Gonçalo.

Cargo ou função
Membro de conselho departamental da unidade.
8/2007 - 03/2012
Direção e administração, Faculdade de Formação de Professores, .

Cargo ou função
Coordenador do Setor de Literatura.
03/2007 - 03/2011
Direção e administração, Centro de Educação e Humanidades, Faculdade de Formação de Professores.

Cargo ou função
Coordenador-Adjunto do Curso de Especialização em Estudos Literários.
5/1999 - 8/2004
Direção e administração, Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

Cargo ou função
Subchefe de Departamento.
5/1999 - 8/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

Cargo ou função
Membro de conselho de unidade.
3/2002 - 12/2002
Extensão universitária , Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

Atividade de extensão realizada
Coordenador de projeto e curso: LITERATURA E OUTRAS LINGUAGENS - Transleituras.
3/2001 - 12/2001
Extensão universitária , Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

Atividade de extensão realizada
Coordenador de projeto e cursos: LITERATURA E OUTRAS LINGUAGENS - Imagens em movimento na cena contemporânea.
3/2000 - 12/2000
Extensão universitária , Centro de Educação e Humanidades, Departamento de Letras.

Atividade de extensão realizada
Coordenador de curso: LITERATURA E OUTRAS LINGUAGENS - Sintomas do pós-modernismo finissecular no cinema contemporâneo.


Linhas de pesquisa


1.
Imaginários Culturais e Literatura: Estéticas de Fim-de-Século

Objetivo: Ampliar o inventário teórico-crítico acerca das modalidades de representação desencadeadas pelas artes, diante dos deslocamentos de idéias que enredaram as últimas décadas dos séculos XIX e XX..
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Teoria Literária.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Imaginários Culturais e Literatura; Estéticas de fim-de-século; Literatura, teoria e história.
2.
Literatura, teoria e história

Objetivo: A constituição desta linha tem como foco o estudo da literatura, de seus fundamentos teóricos e reconfigurações históricas. Com isso, volta-se tanto para as correntes e movimentos da literatura e da teoria literária em diferentes épocas quanto para seus desenvolvimento e projeção na contemporaneidade. A linha de pesquisa proposta é integrada por pesquisadores que desenvolvem trabalhos em Literaturas do século XIX ao XXI e outras Artes, ressaltando o diálogo interartístico..
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Teoria Literária.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Brasileira.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Literatura, teoria e história.
3.
Estudos do Gótico

Objetivo: Surgida no limiar da modernidade iluminista, a literatura gótica tem se revelado duradoura como a própria modernidade dentro da qual se engendrou, o que se confirma nas sucessivas reedições e atualizações do gênero até os dias de hoje, tanto na literatura quanto nos diversos meios de comunicação. No cenário globalizado e pluralizado da contemporaneidade, categorias do Gótico exógenas ao cenário europeu, como o "American Gothic", o "Southern Gothic" e até mesmo o "Tropical Gothic", vêm ocupando espaço nos trabalhos acadêmicos em um movimento de hibridismo cultural no qual a hegemonia do centro passa a conviver com a pluralidade das margens. De "Frankenstein" a "Crepúsculo", de Horace Walpole a Lúcio Cardoso, a linha de pesquisa propõe, em uma perspectiva tanto transcultural quanto transdiscursiva, um amplo espectro de estudos e leituras do Gótico em suas diversas aparições nesses mais de 250 anos de sua permanência na literatura, na cultura e no imaginário do mundo ocidental...
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Brasileira / Especialidade: Literatura Brasileira.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literaturas Estrangeiras Modernas.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Estudos do Gótico; Literatura, teoria e história; Imaginários Culturais e Literatura.


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
Literatura Gótica Brasileira
Descrição: O Gótico, gênero tão frequente nas literaturas de língua inglesa dos dois lados do Atlântico, associado a nomes como os de Byron, Bram Stoker, Oscar Wilde, Edgar Allan Poe e H. P. Lovecraft, é o que o projeto pretende investigar na literatura brasileira, mas não somente nos representantes óbvios do gênero, como o ultrarromântico Álvares de Azevedo e os simbolistas Alphonsus de Guimaraens e Cruz e Sousa; a proposta é a de mapear e definir o que seria o ?Gótico brasileiro? ("Brazilian Gothic"), no qual os motivos da literatura gótica comparecem em um cenário marcado pela cor local. Na obra de autores como Lúcio Cardoso e Cornélio Penna, romancistas que estrearam na década de 1930, pode-se perceber a construção literária de um retrato de Brasil, fantasmático com suas fazendas de café arruinadas, muitíssimo afim ao cenário dos romances góticos ingleses que surgiram no século XVIII a partir de O castelo de Otranto (1764), de Horace Walpole, no qual a casa-grande assoma como ruína alegórica, no sentido benjaminiano, de certa tradição patriarcal brasileira, de feição feudal, aristocrática e escravista, do mesmo modo que o castelo avulta como alegoria de uma tradição europeia medieval suplantada pela modernidade. O objetivo é, a partir do constructo da casa-grande representada por Gilberto Freyre em Casa-grande & senzala, o de propor uma categoria denominada ?Gótico brasileiro?, ou Brazilian Gothic, seguindo a trilha do chamado American Gothic, mais especificamente do Gótico americano do sul dos Estados Unidos da América: o Southern Gothic, que tem em William Faulkner seu maior representante. E, para se pensar em Gótico no Brasil, dentro do eixo ?tradição e modernidade?, serão utilizadas as reflexões de Walter Benjamin sobre a alegoria e de Giorgio Agambem sobre o fantasma. O projeto está vinculado aos grupos de pesquisa cadastrados no CNPq "Estudos do Gótico"(UERJ) e "Estéticas de fim-de-século" (UFRJ) e ao GT Vertentes do Insólito Ficcional (ANPOLL)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (1) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Coordenador / Leonardo Ramos Botelho Gomes - Integrante / Flaviana Rangel Pacheco de França - Integrante / Márcio Alessandro de Oliveira - Integrante / Carolina dos Santos Lopes - Integrante / Maria Edileuza Marques - Integrante / Thuliana Gabriel dos Santos Marcelo - Integrante / Raquel Souza de Morais - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 22 / Número de orientações: 5
2009 - Atual
O Decadentismo na Poesia Brasileira 1880-­1920
Descrição: Projeto de Iniciação Científica. Ao propor uma investigação da ocorrência do Decadentismo na poesia brasileira do final do século XIX e começo do século XX, o projeto pretende ressaltar a importância deste estilo literário no cenário de nossa literatura finissecular oitocentista e pré-modernista, que ostentava um altivo desdém pelo público massificado e pelas questões políticas e sociais. Pretendemos chegar à identificação precisa dos traços decadentistas na poesia do período, numa postura de revisão da poesia brasileira de 1880 a 1920 a partir das efetivas marcas deste estilo artístico-literário, chegando a uma compreensão da obra poética brasileira do período destituída dos chavões das antologias, ao submeter os poetas do período, parnasianos e simbolistas, a um crivo revisionista. O projeto está vinculado aos grupos de pesquisa cadastrados no CNPq "Estéticas de fim-de-século" e "Ressonâncias do Decadentismo na Belle Époque brasileira" (FBN)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado profissional: (1) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Coordenador / Suzane Morais da Veiga - Integrante / Renato Rivello do Amaral - Integrante / Vinícius da Silva Soares - Integrante / Gustavo Augusto de Abreu Clevelares - Integrante / Fabiana Decker dos Santos - Integrante / Vinicius Freitas - Integrante / Fábio Alexandre Santos da Silva - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Bolsa / FAPERJ - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 10
2008 - 2009
A Poética de Charles Baudelaire e suas Ressonâncias na Literatura de Fim-de-Século do Brasil
Descrição: Os aspectos revolucionários da obra do poeta francês Charles Baudelaire (1821-1867) e suas relações com a Modernidade e a literatura de fim-de-século no Brasil: Parnasianismo, Decadentismo, Simbolismo (século XIX) e Pós-Modernismo (século XX)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Coordenador / Sérgio da Silva Benedito - Integrante / Geisa de Jesus Santos Lima - Integrante / Suzane Morais da Veiga - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 3
2008 - 2009
A Poética do Decadentismo na Poesia de Emiliano Perneta
Descrição: Os pressupostos estéticos da poética do Decadentismo do final do século XIX e seus aspectos na obra do poeta paranaense Emiliano Perneta (1866-1921)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Coordenador / Ingrid Moura Carlos - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 8 / Número de orientações: 2
2007 - 2010
Marcas do Decadentismo na Poesia Parnasiana Brasileira: Olavo Bilac
Descrição: A crítica literária brasileira costuma subordinar a poética finissecular oitocentista do Decadentismo ao Simbolismo; com efeito a aproximação entre Simbolismo e Decadentismo é freqëntemente ressaltada neste período epocal de nossa literatura, com prejuízo do segundo. As duas rubricas que chancelam os poetas do período são o Simbolismo e o Parnasianismo. Contudo, ao lermos a produção poética da época, deparamo-nos freqüentemente com a sobreposição de estilos literários na poesia de um mesmo autor: marcas parnasianas na poesia simbolista e vice-versa. O presente projeto pretende investigar as marcas da poética do Decadentismo na produção literária do poeta parnasiano brasileiro Olavo Bilac (1865-1918) e apontar como o que parte da crítica toma por "traços românticos" em sua poesia na verdade insere-se em pressupostos estéticos decadentistas. Tanto O Simbolismo quanto o Parnasianismo e o Decadentismo são escolas literárias que nascem na França, o eixo da cultura ocidental no século XIX. Todas são eivadas por uma concepção beletrista do fazer poético. Neste projeto, deixamos de lado o Simbolismo e elegemos como foco central o Decadentismo e seu comparecimento na obra de Bilac, procurando destacar do que é comumente confundido com aspectos ?românticos? e ?parnasianos? em sua obra traços legitimamente decadentistas. Além do que considero ser uma abordagem inédita da obra de Olavo Bilac, pretendo ressaltar a importância da poética do Decadentismo no cenário de nossa literatura finissecular oitocentista, enxergando-a com um olhar destituído dos preconceitos acadêmicos manifestados não só por Alfredo Bosi mas também por Antônio Cândido..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Coordenador / Liviane Alves Ferreira Werdum - Integrante / Armando Rabelo Soares Neto - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 30 / Número de orientações: 5


Projetos de extensão


2011 - Atual
Revista SOLETRAS online
Descrição: Desenvolvimento da Revista SOLETRAS, mantendo a sua tradição de periódico semestral para circulação das produções em Letras e áreas afins, dos professores, bolsistas de graduação (IC, ID, EIC) em coautoria com orientadores, alunos de pós-graduação, docentes internos e externos; foram renovados os Conselhos Consultivos e a Equipe Editorial, formalizou-se sistema de avaliação por pares cega e alterou-se a estrutura da revista: a partir do número 23, haverá um dossiê temático por número, além de seções livres de Estudos Literários, estudos Linguísticos e Ensino. O periódico foi hospedado no Sistema de Editoração Eletrônica de Revistas S.E.E.R., do IBICT, no Portal de Periódicos Eletrônicos da UERJ. Está indexada na Capes (Qualis B4), Latindex, DOI, Public Knowledge Project, Google Acadêmico, e Portal Livre. O link para acesso é: http://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/soletras/index..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Integrante / MENDES, Leonardo Pinto - Integrante / RIBAS, Maria Cristina Cardoso - Coordenador / OLIVEIRA, Paulo César Silva de - Integrante / Victoria Wilson - Integrante / Madalena Vaz-Pinto - Integrante.


Projetos de desenvolvimento


2008 - 2010
POR UMA ECOLOGIA DE SABERES: PRODUÇÃO E DESENVOLVIMENTO DE PESQUISAS NA FACULDADE DE FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA UERJ
Descrição: Trata-se de um projeto para atender a convocação de Edital FAPERJ de Apoio às Entidades de Ensino e Pesquisa públicas Estaduais do Rio de Janeiro. Este projeto objetiva dar continuidade ao processo de dotação da Faculdade de Formação de Professores (FFP-UERJ) dos meios e recursos infraestruturais necessários ao fortalecimento dos grupos de pesquisa consolidados e, por conseguinte, a expansão quantitativa e qualitativa dos cursos de pós-graduação oferecidos pelos departamentos desta Unidade Acadêmica. Desta forma, pretende-se incentivar cada vez mais as interfaces investigativas entre os campos científicos, dentro da concepção proposta pelo sociólogo Boaventura Santos que define a "ecologia de saberes" como promotora da ambientação necessária para a existência de uma interlocução prática e teórica entre as diversas áreas de pesquisas..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.


Outros Projetos


2011 - Atual
Poesia decadentista brasileira em periódicos de 1880-1920
Descrição: A pesquisa propõe o levantamento e o estudo da poesia brasileira decadentista publicada nos periódicos do final do século XIX e começo do século XX, como as revistas Kosmos (1904-1909) e Renascença (1904-1909). Como base de suas reflexões teóricas, a pesquisa utiliza as elaborações de Roland Barthes, Mikhail Bakhtin, Dominique Maingueneau e Roger Chartier..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
2010 - Atual
Retratos Finisseculares: o Parnasianismo e o Simbolismo no Livro Didático e nas Aulas de Literatura do Ensino Médio
Descrição: Projeto de Iniciação à Docência (UERJ). O Parnasianismo e o Simbolismo, poéticas do final do século XIX, período de plenitude do sistema literário brasileiro, costumam ser apresentadas nos livros do Ensino Médio de forma conservadora e desvantajosa em relação ao Modernismo, triunfal em sua ruptura com as estéticas do passado na Semana de 22 e seus desdobramentos. Identificados com o classicismo da mitologia e personagens históricos da Antiguidade greco-romana (Parnasianismo) e com as brumas brancas de um misticismo vago e etéreo (Simbolismo), os estilos poéticos finisseculares pouco podem competir com o apelo modernista da modernidade urbana com seus temas progressistas e cotidianos que continuam a dar a tonalidade de nosso momento contemporâneo, identificado com o progresso, a velocidade e as tecnologias high-tech. Além da temática, a estrutura rigorosa e o vocabulário castiço que ambos os estilos, Parnasianismo e Simbolismo, apresentam, agudizam sua desvantagem em termos de atratividade literária quando comparados aos coloquialismos modernistas. Se tudo isso não bastasse, a prática pedagógica reforça nas aulas de literatura essa "desvantagem em termos de atratividade literária", em franca "defesa" e "legitimação" dos autores e obras do Modernismo. Em nosso projeto, pretendemos, em um primeiro momento, analisar nos livros didáticos e nas aulas de literatura brasileira o enfoque dado ao Parnasianismo e ao Simbolismo, e, em um segundo momento, pensar estratégias pedagógicas para que a abordagem destes dois estilos não se dê de forma desvantajosa e preconceituosa, fazendo com que o aluno seja capaz de apreciar e valorizar, ao lado das obras modernistas, também a poesia parnasiana e a simbolista..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Coordenador / Érika Klein Cavalieri - Integrante / Rozalvo Canella dos Santos Junior - Integrante / João Carlos Damasceno de Souza - Integrante / Julia Coutinho Mafra - Integrante / Ingryd Gonçalves - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 5
2008 - 2011
Marcas do Decadentismo na Poesia Brasileira do Fin-de-Siècle e da Belle Époque
Descrição: Projeto de Estágio Interno Complementar (UERJ). A poética do Decadentismo, surgida na França no final do século XIX, é freqüentemente confundida com o Simbolismo por parte da crítica literária brasileira (Alfredo Bosi), que, além disso, a reprova (Bosi, Antonio Cândido) e a desvaloriza (Bosi, Antonio Cândido). Além disso, a poesia brasileira do final do século XIX, tributária da influência da cultura francesa de então, vai apresentar a convergência de estilos literários que na França são bem distintos (Parnasianismo, Decadentismo, Simbolismo) mas que, em nossas letras, acabam por se confundir indistintamente, muitas das vezes. O projeto fundamenta-se em pesquisa que venho desenvolvendo sobre o Decadentismo, como membro pesquisador dos grupos do CNPq ?Estéticas de Fim-de-Século? (UFRJ) e ?Ressonâncias do Decadentismo na Belle Époque Brasileira? (FBN), e como professor, na graduação da disciplina Literatura Brasileira I, cujo conteúdo temático é a poesia brasileira anterior ao Modernismo, e na Pós-Graduação em Estudos Literários da disciplina ?Literatura: Tradição e Ruptura?..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Fernando Monteiro de Barros Junior - Coordenador / Aline Pereira - Integrante / Amanda Dinucci Almeida - Integrante / Gustavo Abreu - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 1


Membro de corpo editorial


2011 - Atual
Periódico: Revista SOLETRAS
2005 - 2006
Periódico: Caderno Seminal Digital (Rio de Janeiro)


Revisor de periódico


2005 - 2006
Periódico: Caderno Seminal Digital (Rio de Janeiro)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Brasileira.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Literatura Comparada.
3.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Letras / Subárea: Teoria Literária.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2008
Paraninfo da Turma de Letras (Português-Literatura) do segundo semestre de 2007, UERJ - FFP.
2007
Paraninfo da Turma de Letras (Português-Literatura) do segundo semestre de 2006, UERJ - FFP.
2003
Patrono da Turma de Letras de 2002, UERJ - FFP.
2002
Paraninfo da Turma de Pedagogia de 2001, UERJ - FFP.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de2017BARROS JR, Fernando Monteiro de; COLUCCI, Luciana . Lovecraft e os matizes goticistas em 'The dreams in the witch-house'. Revista Abusões, v. 4, p. 152-188, 2017.

2.
BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2017BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE; DE OLIVEIRA, MÁRCIO ALESSANDRO . O Gótico brasileiro na poesia de Carlos Ferreira. REVISTA SOLETRAS, v. 1, p. 70-86, 2017.

3.
BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2017BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE; OLIVEIRA, Márcio A. . O Gótico brasileiro n''A Orgia dos Duendes', de Bernardo Guimarães. REVISTA E-SCRITA: REVISTA DO CURSO DE LETRAS DA UNIABEU, v. 8, p. 71-86, 2017.

4.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2014BARROS JR, Fernando Monteiro de. Brazilian Gothic: Allegories of Tradition in Gilberto Freyre and the Catholic novelists of the 1930s. Athens Journal of Philology, v. 1, p. 209-220, 2014.

5.
BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE2014BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE. Do castelo à casa-grande: o -Gótico brasileiro- em Gilberto Freyre. REVISTA SOLETRAS, v. 1, p. 80-94, 2014.

6.
BARROS JR, Fernando Monteiro de2014BARROS JR, Fernando Monteiro de; RIBAS, Maria Cristina C. . A alegoria e a femme fatale: a modernidade baudelairiana em Augusto dos Anjos. MATRAGA (RIO DE JANEIRO), v. 21, p. 86-106, 2014.

7.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2011BARROS JR, Fernando Monteiro de. Parnasianismo Brasileiro: Conservador e Transgressor. Fólio - Revista de Letras, v. 03, p. 19-32, 2011.

8.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2011BARROS JR, Fernando Monteiro de. Poesia Simbolista: Tradição e Modernidade. Revista UNIABEU, v. 4, p. 56-71, 2011.

9.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2010BARROS JR, Fernando Monteiro de; PEREIRA, Aline ; VEIGA, S. M. . Traços do decadentismo na poesia brasileira de 1880 a 1920: Raimundo Correia e Gilka Machado. REVISTA SOLETRAS, v. 19, p. 124-135, 2010.

10.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2010BARROS JR, Fernando Monteiro de. Victor Silva, poeta decadentista. REVISTA SOLETRAS, v. 20, p. 165-176, 2010.

11.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2009BARROS JR, Fernando Monteiro de. A Poesia Brasileira do Fim do Século XIX e da Belle Époque: Parnasianismo, Decadentismo e Simbolismo. REVISTA SOLETRAS, v. 17I, p. 16-27, 2009.

12.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2009BARROS JR, Fernando Monteiro de; CARLOS, Ingrid Moura ; SOARES NETO, Armando Rabelo . Traços decadentistas em Olavo Bilac e Emiliano Perneta. REVISTA SOLETRAS, v. 17sup, p. 163-174, 2009.

13.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2008 BARROS JR, Fernando Monteiro de. O gótico e a brasilidade em Lúcio Cardoso. Revista do Centro de Estudos Portugueses (UFMG), v. 28, p. 113-131, 2008.

14.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2004BARROS JR, Fernando Monteiro de. A poética de Lúcio Cardoso: o catolicismo da transgressão. REVISTA SOLETRAS, São Gonçalo, RJ, v. 8, n.8, p. 28-48, 2004.

15.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2004BARROS JR, Fernando Monteiro de. O mal-do-século no romantismo inglês. REVISTA SOLETRAS, São Gonçalo, RJ, v. 8, n.8, p. 149-159, 2004.

16.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2003BARROS JR, Fernando Monteiro de. Baudelaire, Byron e Lúcio Cardoso: a flânerie e o dandismo do vampiro. REVISTA SOLETRAS, São Gonçalo, RJ, v. 5, n.5, p. 53-64, 2003.

17.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2003BARROS JR, Fernando Monteiro de. O Gótico masculino e a tese do feminino como destruição em A LUZ NO SUBSOLO de Lúcio Cardoso. CADERNO SEMINAL (UERJ), Rio de Janeiro, RJ, v. 15, n.15, p. 30-46, 2003.

18.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2002BARROS JR, Fernando Monteiro de. O Barroco mineiro em Drummond. REVISTA SOLETRAS, São Gonçalo, RJ, v. 3, n.3, p. 143-156, 2002.

19.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2001BARROS JR, Fernando Monteiro de. As metamorfoses do vampiro nas cenas finisseculares. CADERNO SEMINAL (UERJ), Rio de Janeiro, v. 10, p. 51-75, 2001.

20.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2001BARROS JR, Fernando Monteiro de. Parceiros da noite: gays e vampiros na literatura. REVISTA SOLETRAS, São Gonçalo (RJ), v. 2, p. 118-128, 2001.

21.
BARROS JR, Fernando Monteiro de;BARROS JR, FERNANDO MONTEIRO DE;BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE2000BARROS JR, Fernando Monteiro de. A subversão de Dioniso. CADERNO SEMINAL (UERJ), Rio de Janeiro, v. 9, p. 126-139, 2000.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
SILVA, Alexander M. (Org.) ; BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE (Org.) ; FRANÇA, Júlio (Org.) ; COLUCCI, Luciana (Org.) . Estudos do Gótico. 1. ed. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2017. v. 1. 136p .

2.
FRANÇA, Júlio (Org.) ; COLUCCI, Luciana (Org.) ; BARROS JR, Fernando Monteiro de (Org.) . O medo como prazer estético: (re)leituras do gótico literário. 1. ed. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2015. v. 1. 146p .

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; OLIVEIRA, P.C.S. (Org.) ; RIBAS, Maria Cristina C. (Org.) ; MENDES, Leonardo (Org.) ; VAZ-PINTO, M. (Org.) . Anais do I Seminário de Estudos Literários da FFP/UERJ. 1. ed. São Gonçalo - RJ: UERJ, 2012. v. 1. 150p .

Capítulos de livros publicados
1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Sombras góticas no fin-de-siècle tropical: a poesia decadentista de Teotônio Freire. In: Júlio França; Luciana Colucci. (Org.). As nuances do Gótico: do setecentos à atualidade. 1ed.Rio de Janeiro: Bonecker, 2017, v. 1, p. 69-95.

2.
BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE. Quadros do Gótico na poesia brasileira. In: SILVA, Alexander Meireles da; BARROS, Fernando Monteiro de; FRANÇA, Júlio; COLUCCI, Luciana. (Org.). Estudos do Gótico. 1ed.Rio de Janeiro: Dialogarts, 2017, v. 1, p. 47-57.

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Deslocamentos parnasianos nos versos. In: Paulo César Oliveira; Shirley de Souza Gomes Carreira. (Org.). Diásporas e deslocamentos: travessias críticas. 1ed.Rio de Janeiro: Editora FGV, 2014, v. 1, p. 151-164.

4.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A poesia da Belle Époque nas revistas Kósmos e Renascença: Victor Silva. In: Iza Quelhas; Irineu E. Jones Corrêa. (Org.). Papéis efêmeros, explorações permanentes. 1ed.Rio de Janeiro: Livre Expressão, 2014, v. 1, p. 42-53.

5.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Orientalism in Brazilian Poetry of the Late 19th Century. In: DAKAM (Eastern Mediterranean Academic Research Center); MSFAU (Mimar Sinan Fine Arts University). (Org.). New Questions on Literary Criticism. 1ed.Istanbul: DAKAM, 2012, v. 1, p. 109-114.

6.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A poesia decadentista de Victor Silva. In: Luiz Edmundo Bouças Coutinho; Flora de Paoli Faria. (Org.). Faces Rituais da Poesia. 1ed.Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2010, v. , p. 125-139.

7.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Ressonâncias baudelairianas na poesia decadentista: Emiliano Perneta. In: Luiz Edmundo Bouças Coutinho; Latuf Isaías Mucci. (Org.). Fulgurações: parcerias textuais e o decadentismo. 1ed.Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2009, v. , p. 290-308.

8.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Vampiros Letrados, Vampiros Viajantes: Byron, Baudelaire e Stenbock. In: Luiz Edmundo Bouças Coutinho; Flora de Paoli Faria. (Org.). Corpos-Letrados, Corpos-Viajantes (ensaios críticos). 1ed.Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2007, v. , p. 69-83.

9.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O 'dandismo da mulher fria': a cortesã no mito e nas encruzilhadas da modernidade. In: BOTELHO, José Mario. (Org.). Estudos reunidos: linguagem, literatura e estilística. 1ed.Rio de Janeiro: Botelho Editora, 2006, v. 1, p. 101-117.

10.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O decadentismo inglês e o Conde Eric Stenbock. In: COUTINHO, Luiz Edmundo Bouças; MUCCI, Latuf Isaias. (Org.). Dândis, estetas e sibaritas. 1ed.Rio de Janeiro: Confraria do Vento, 2006, v. 1, p. 121-129.

11.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. As imposturas da transgressão: o narrador fronteiriço em CINEMA ORLY. In: Francisco Venceslau dos Santos. (Org.). Prismas: as imposturas da transgressão. 1ed.Rio de Janeiro: Caetés, 2000, v. 2, p. 29-43.

12.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A imago pós-moderna em Ana Cristina César. In: Francisco Venceslau dos Santos. (Org.). Prismas em torno da poesia. 1ed.Rio de Janeiro: F. Venceslau dos Santos, 1999, v. 1, p. 31-38.

13.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Vampiros na casa-grande: a brasilidade segundo Lúcio Cardoso. In: Francisco Venceslau dos Santos. (Org.). Produção & Pesquisa em Letras. 1ed.São Gonçalo (RJ): Departamento de Letras UERJ - FFP, 1998, v. , p. 53-72.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE. Traços do Gótico em FOGO MORTO, de José Lins do Regp. In: XV Congresso Internacional da ABRALIC: Textualidades Contemporâneas, 2017, Rio de Janeiro. Anais eletrônicos do XV Congresso Internacional da ABRALIC - 07 a 11 de agosto de 2017. Rio de Janeiro: ABRALIC, 2017. v. 2. p. 1904-1912.

2.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A alegoria e o fantasma no Gótico brasileiro: Cornélio Penna e Lúcio Cardoso. In: XV encontro ABRALIC, 2016, Rio de Janeiro. Anais eletrônicos do XV encontro ABRALIC 19 a 23 de setembro de 2016. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2016. v. 1. p. 2472-2482.

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O sublime e o grotesco em O Conde Lopo, de Álvares de Azevedo. In: XIII Congresso Internacional da ABRALIC, 2013, Campina Grande - PB. Anais ABRALIC Internacional (2013). Campina Grande - PB: ABRALIC, 2013. v. 1. p. 1-8.

4.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O decadentismo na poesia brasileira da belle époque. In: XIV Congresso Nacional de Linguística e Filologia, 2010, Rio de Janeiro. Cadernos do CNLF (CiFEFil). Rio de Janeiro: CiFEFiL, 2010. v. XIV. p. 2927-2934.

5.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. ASPECTOS DO MITO DO FAUNO NA POESIA DECADENTISTA. In: IV Congresso de Letras Clássicas e Orientais, 2009, Rio de Janeiro. Principia (Rio de Janeiro). Rio de Janeiro: Botelho Editora, 2009. v. Único. p. 56-65.

6.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. "O que a boca não diz, o que a mão não escreve": o amor que não ousa dizer seu nome em Olavo Bilac. In: XIII Congresso Nacional de Linguística e Filologia, 2009, Rio de Janeiro. Almanaque CIFEFIL. Rio de Janeiro: CiFEFiL, 2009. v. 1. p. 1252-1260.

7.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Poéticas de Fim-de-Século: Parnasianismo, Decadentismo e Simbolismo. In: II Colóquio Prática de Ensino e Formação de Professores, 2008, São Gonçalo - RJ. Práticas em Formação: Tecendo Experiências e Saberes. São Gonçalo (RJ): Faculdade de Formação de Professores da UERJ, 2008. v. 1. p. 1-10.

8.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O "mármor da Lacônia" e a "delícia do pecado": Bilac decadentista. In: XI Congresso Internacional da ABRALIC, 2008, São Paulo. Anais do XI Congresso Internacional da Associação Brasileira de Literatura Comparada, 2008: Tessituras, Interações, Convergências. São Paulo: ABRALIC, 2008. p. 1-7.

9.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Ressonâncias decadentistas na poesia brasileira do fim do século XIX e da Belle Époque. In: V Congresso de Letras da UERJ - São Gonçalo, 2008, São Gonçalo - RJ. Anais do V CLUERJ - SG. São Gonaçalo, RJ: Botelho Editora, 2008. v. Único. p. 1-29.

10.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Decadentismo e Vampirismo: o Conde Eric Stenbock. In: IV Congresso de letras da UERJ - São Gonçalo, 2007, São Gonçalo - RJ. Anais do IV CLUERJ-SG. Rio de Janeiro: Botelho Editora, 2007. p. 1-19.

11.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A mulher fatal baudelairiana e a pomba-gira: Lilith extática na metrópole. In: X Congresso Internacional ABRALIC, 2006, Rio de Janeiro. Lugares dos Discursos, 2006. p. 1-6.

12.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Vampiros: poses e perversões. In: X Congresso Internacional ABRALIC, 2006, Rio de Janeiro. Lugares dos Discursos, 2006. p. 7-16.

13.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Constant Craving: Representações do Vampirismo e do Homossexualismo na Literatura e Na Cultura. In: VI CELERJ (Congresso dos Estudantes de Letras do Estado do Rio de Janeiro), 2005, São Gonçalo - RJ. SOLETRAS (UERJ). São Gonçalo - RJ: Soletras, 2005. v. 9. p. 1-6.

14.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Linguagem Literária e Transgressão. In: IV Congresso nacional de Lingüística e Filologia, 2000, Rio de Janeiro. A FFP no IV CNLF. Rio de Janeiro: CiFEFil, 2000. v. 1. p. 68-76.

15.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O Signo do Mal e a Semântica Demoníaca. In: VI Congresso ABRALIC, 1999, Florianópolis. VI Congresso ABRALIC, 1998.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. The decadent plantation big house as a haunted castle: Brazilian Gothic in Gilberto Freyre?s 'The masters and the slaves'. In: International Gothic Association Conference 2015: Gothic Migrations, 2015, Vancouver. International Gothic Association Conference 2015: Gothic Migrations - Abstracts. Vancouver: Simon Fraser University, 2015. v. 1. p. 13-13.

2.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Quadros do Gótico na poesia brasileira. In: VI Encontro Nacional O Insólito como Questão na Narrativa Ficcional, 2015, Rio de Janeiro. Caderno de resumos e programação Vertentes do fantástico no Brasil: tendências da ficção e da crítica. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2015. v. 1. p. 159-159.

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Brazilian Gothic: Allegories of Tradition in Gilberto Freyre and the Catholic novelists of the 1930s. In: 7th Annual International Conference on Literature, 2014, Atenas, Grécia. Literature Abstracts: Seventh Annual International Conference on Literature. Atenas, Grécia: Athens Institute for Education and Research - ATINER, 2014. v. 5. p. 41-41.

4.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Lúcio Cardoso, an alternative Brazilian modernist. In: Alternative Modernisms: an international, interdisciplinary conference, 2013, Cardiff. Alternative Modernisms: an international, interdisciplinary conference - Abstracts. Cardiff: Cardiff University, 2013. v. 1. p. 104-104.

5.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Aspectos do Mito do Fauno na Poesia Decadentista. In: IV Congresso de Letras Clássicas e Orientais do Instituto de Letras da UERJ, 2009, Rio de Janeiro. Principia (Rio de Janeiro). Rio de Janeiro: UERJ, 2009. v. 1. p. 12-12.

6.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A Poesia Decadentista de Victor Silva. In: 5º Colóquio Ressonâncias do Decadentismo na Belle Époque Brasileira / 10º Colóquio Estéticas de Fim-de-Século, 2009, Rio de Janeiro. Identitárias Faces Rituais de Poesia. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro / Fundação Biblioteca Nacional / CNPq, 2009. v. 1. p. 8-8.

7.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. "O que a boca não diz, o que a mão não escreve": o amor que não ousa dizer seu nome em Olavo Bilac. In: XIII Congresso Nacional de Linguística e Filologia, 2009, Rio de Janeiro. Cadernos do CNLF (CiFEFil). Rio de Janeiro: CIFEFIL, 2009. v. XIII. p. 125-125.

8.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Ressonâncias Baudelairianas na Poesia Decadentista: Emiliano Perneta. In: Fulguração de Parcerias Textuais, 2008, Rio de Janeiro. Fulguração de Parcerias Textuais. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro / Fundação Biblioteca Nacional / CNPq, 2008. v. 1. p. 12-13.

9.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Vampiros Letrados, Vampiros Viajantes. In: Corpos-Letrados, Corpos-Viajantes: 8° Colóquio do Grupo de Pesquisa ESTÉTICAS DE FIM-DE-SÉCULO, 2006, Rio de Janeiro. Corpos-Letrados, Corpos-Viajantes. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro/Fundação Biblioteca Nacional, 2006. p. 5-6.

10.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O gozo petrificado: a chancela decadentista na poesia parnasiana. In: 4° Congresso da Pós-Graduação em Letras da UERJ-São Gonçalo, 2006, São Gonçalo - RJ. Livro de Resumos & Programação. São Gonçalo (RJ): UERJ - FFP - Pós-Graduação em Letras, 2006. p. 19-19.

11.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O decadentismo inglês e o Conde Eric Stenbock. In: Dândis, Estetas e Sibaritas: 7º Colóquio Estéticas de fim-de-século, 2005, Rio de Janeiro. Dândis, Estetas e Sibaritas. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro / Fundação Biblioteca Nacional / CNPq, 2005. v. 1. p. 10-10.

12.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A mulher fatal baudelairiana e a Pomba-Gira: Lilith extática na metrópole. In: Sentidos dos Lugares: X Encontro Regional da ABRALIC, 2005, Rio de Janeiro. Sentidos dos Lugares: X Encontro Regional da Abralic. Rio de Janeiro: ABRALIC / Instituto de Letras da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, 2005. v. 1. p. 152-152.

13.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Flores manchadas de sangue: as poses do vampiro na literatura inglesa do século XIX. In: II Encontro do Fórum Permanente de Estudos Em Língua e Literatura Inglesa, 2005, São Gonçalo - RJ. Caderno de Resumos do II Encontro do Fórum Permanente de Estudos em Língua e Literatura Inglesa. São Gonçalo - RJ: Faculdade de Formação de Professores da UERJ, 2005. v. 1. p. 24-24.

14.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A Estilística em Lúcio Cardoso. In: 3º Congresso da Pós-Graduação em Língua Portuguesa da UERJ - São Gonçalo, 2005, São Gonçalo - RJ. Livro de Resumos e Programação do 3º Congresso da Pós-Graduação em Língua Portuguesa da UERJ - São Gonçalo. São Gonçalo - RJ: UERJ - São Gonçalo, 2005. v. 1. p. 8-8.

15.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Ressonâncias da Poética de Baudelaire na Literatura Brasileira. In: II Congresso de Letras da UERJ - São Gonçalo, 2005, São Gonçalo - RJ. Livro de Resumos e Programação do II Congresso de Letras da UERJ - São Gonçalo. São Gonçalo - RJ: Botelho Editora, 2005. v. 1. p. 37-37.

16.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A poética de Lúcio Cardoso. In: 1º Congresso de Letras da UERJ - São Gonçalo, 2004, São Gonçalo, RJ. Livro de Resumos & Programação do 1º Congresso de Letras da UERJ - São Gonçalo, 2004. v. 1. p. 28-28.

17.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Análise semântico-estilística da poesia oswaldiana. In: 2º Congresso da Pós-Graduação em Língua Portuguesa da UERJ - São Gonçalo, 2004, São Gonçalo, RJ. Livro de Resumos e Programação do 2º Congresso da Pós-Graduação em Língua Portuguesa da UERJ - São Gonçalo, 2004. v. 2. p. 15-16.

18.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Lúcio Cardoso e as imposturas da transgressão. In: Mediações: VIII Congresso Internacional ABRALIC 2002, 2002, Belo Horizonte. Mediações: VIII Congresso Internacional ABRALIC 2002, 2002. v. 8. p. 129-129.

19.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Impostura e sedução da imago em A Teus Pés de Ana Cristina César. In: IX Seminário Nacional Mulher & Literatura, 2001, Belo Horizonte. IX Seminário Nacional Mulher & Literatura, 2001. p. 67-67.

20.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. As estéticas finisseculares e os vampiros. In: VII Congresso ABRALIC, 2000, Salvador. VII Congresso ABRALIC, 2000. p. 85-85.

21.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Vampiros na casa-grande: projeções do gótico nas figurações da identidade nacional. In: VII Congresso ABRALIC, 2000, Salvador. VII Congresso ABRALIC, 2000. p. 207-208.

22.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O Brasil eterno nas suas raízes e na sua tragédia: a visão de Lúcio Cardoso. In: Simpósio Internacional Brasil 500 Anos de Descobertas Literárias, 2000, Brasília. Simpósio Internacional Brasil 500 Anos de Descobertas Literárias, 2000. p. 37-37.

23.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O signo do mal e a semântica demoníaca. In: VI Congresso ABRALIC, 1998, Florianópolis. VI Congresso ABRALIC, 1998. p. 65-65.

Apresentações de Trabalho
1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Traços do Gótico em Fogo Morto, de José Lins do Rego. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
COLUCCI, Luciana ; BARROS JR, Fernando Monteiro de . Horace Walpole e The Castle of Otranto: Ressonâncias e controvérsias nos Estudos do Gótico. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O Gótico brasileiro em Lúcio Cardoso e Cornélio Penna. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. A alegoria e o fantasma no Gótico brasileiro: Cornélio Penna e Lúcio Cardoso. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Metamorfoses do vilão gótico na literatura brasileira: ?fantasmas? e ?vampiros? em A menina morta, de Cornélio Penna. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Faces do moderno em Kósmos. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. The decadent plantation big house as a haunted castle: Brazilian Gothic in Gilberto Freyre's 'The Masters and the Slaves'. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Quadros do Gótico na poesia brasileira. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Brazilian Gothic: Allegories of Tradition in Gilberto Freyre and the Catholic novelists of the 1930s. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. O sublime e o grotesco em O CONDE LOPO, de Álvares de Azevedo. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Ressonâncias góticas na poesia brasileira: Victor Silva. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Lúcio Cardoso, an alternative Brazilian modernist. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Orientalism in Brazilian Poetry of the Late 19th Century. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Aspectos decadentistas da poesia de Olavo Bilac. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Abordagens do Parnasianismo na sala de aula. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Correspondências Baudelairianas. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; WERDUM, L. A. F. ; SOARES NETO, Armando Rabelo . O mármor da Lacônia e a delícia do pecado: Bilac decadentista. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
FRANÇA, Júlio ; BARROS JR, Fernando Monteiro de . A atualidade do Gótico. São Gonçalo, RJ: Revista SOLETRAS, 2014 (Prefácio/Posfácio/Apresentação).

2.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. "Trópicos Sombrios". Rio de Janeiro: Litteris, 2010 (Poesia).

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. "Clarão". Rio de Janeiro: Litteris, 2009 (Poema).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Pelo caminho do jabuti e do veado: memórias em pelejas na Amazônia Marajoara. 2011.


Demais tipos de produção técnica
1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; FRANCA, Julio . Dossiê temático: (Re)Leituras do Gótico literário. 2014. (Editoração/Periódico).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; FRANÇA, Júlio; FAEDRICH, Anna. Participação em banca de Ana Paula Araújo dos Santos. O Gótico feminino na literatura brasileira: um estudo de "Ânsia eterna", de Julia Lopes de Almeida. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; FRANÇA, Júlio; MUNIZ, Fernando Décio. Participação em banca de Erica Ingrid Florentino Gaião. O trágico em Lúcio Cardoso: um estudo de "A luz no subsolo" e "Crônica da casa assassinada". 2017. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Letras UERJ) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
FRANÇA, Júlio; BARROS JR, Fernando Monteiro de; PORTILHO, Carla F.. Participação em banca de Pedro Puro Sasse da Silva. Terror e crime na literatura brasileira finissecular. 2016. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; BRAEM, Eloísa Porto A.; GOMES, Rafael S.. Participação em banca de Fábio Alexandre Santos da Silva. POESIA, GÊNERO E LETRAMENTO LITERÁRIO. 2016. Dissertação (Mestrado em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

5.
QUELHAS, Iza; VIEGAS, Ana Cristina C.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Luciana Maria da Silva Alves. O ensino da leitura e da escrita a partir da leitura e do estudo de crônicas. 2016. Dissertação (Mestrado em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

6.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; GENS, Armando; DIAS, Ana Crélia P.. Participação em banca de Flaviana Rangel Pacheco de França. HISTÓRIAS DE TERROR EM SALA DE AULA: FORMAÇÃO DE LEITORES E AUTORES. 2016. Dissertação (Mestrado em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

7.
BINES, Rosana Kohl; BARROS JR, Fernando Monteiro de; KRAMER, Sonia; DINIZ, Júlio C. V.. Participação em banca de Giselly dos Santos Peregrino. A educação pela infância em Manoel de Barros. 2010. Dissertação (Mestrado em Letras) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

8.
GOES, F. A. L.; BARROS JR, Fernando Monteiro de; VIEIRA, M. A. A.. Participação em banca de Leandro Nascimento Cristino. A metáfora do jogo e a resistência pela ginga: percepções do malandro na literatura brasileira. 2010. Dissertação (Mestrado em Letras (Ciência da Literatura)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE; GARCIA, Flávio; SILVA, Alexander M.; GAMA-KHALIL, Marisa M.; CARREIRA, Shirley S. G.. Participação em banca de Fabiana Simão Bellizzi Carneiro. Um ser tão assombrado: manifestações do Gótico no regionalismo brasileiro do Romantismo ao Modernismo. 2017. Tese (Doutorado em Doutorado em Literatura Comparada) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
GENS, Rosa; OLIVEIRA NETO, Godofredo; PIETRANI, Anelia M.; BARROS JR, Fernando Monteiro de; CARNEIRO, Flavio M.. Participação em banca de Jorge Fernando Barbosa do Amaral. A literatura brasileira e a monstruosidade negra nos portões da diferença. 2015. Tese (Doutorado em Letras (Letras Vernáculas)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
SECCHIN, Antonio Carlos; BASTOS, Alcmeno; BARROS JR, Fernando Monteiro de; GESTEIRA, Sérgio F. M.; LINS, Vera L. O.. Participação em banca de Gilberto Araújo de Vasconcelos Júnior. O poema em prosa no Brasil (1883-1898): das origens à consolidação. 2014. Tese (Doutorado em Letras (Letras Vernáculas)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
COUTINHO, Luiz Edmundo Bouças; BUENO, André; PUCHEU, Alberto; LIMA, Sérgio; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Marcus Rogério Tavares Sampaio Salgado. Vasos comunicantes: os castelos de Huysmans, Breton e Flávio de Carvalho. 2010. Tese (Doutorado em Letras (Ciência da Literatura)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
BARROS, FERNANDO MONTEIRO DE; PEREIRA, Luci Ruas; SILVA, Teresa Cristina Cerdeira. Participação em banca de Bruno da Silva Soares. O Horror Cósmico de H.P. Lovecraft em Mário de Sá-Carneiro. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Letras Vernáculas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; FRANÇA, Júlio; OLIVEIRA NETO, Godofredo; GENS, Rosa. Participação em banca de Jorge Fernando Barbosa do Amaral. A monstruosidade negra nos portões da diferença: um estudo sobre o horror, o medo e o racismo na literatura brasileira. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Letras Vernáculas)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; SECCHIN, Antonio Carlos; BASTOS, Alcmeno. Participação em banca de Gilberto Araújo de Vasconcelos Júnior. O poema em prosa no Brasil (1883-1898): origens e consolidação. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Letras (Letras Vernáculas)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
BARCELLOS, J.C.; VIANA, L.H.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Hércules Alberto de Oliveira. A epifania da verdade: homoerotismo, espiritualidade e morte em Crônica da Casa Assassinada, de Lúcio Cardoso e Grande Sertão: Veredas, de Guimarães Rosa. 2003. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado em Letras Universidade Federal Fluminense) - Universidade Federal Fluminense.

Qualificações de Mestrado
1.
MUNIZ, Fernando Décio; AMPARO, Flávia V. S.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de João Pedro Lima Bellas. Fagundes Varela e o sublime romântico. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em ESTUDOS DE LITERATURA) - Universidade Federal Fluminense.

2.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; GOMES, Rafael S.; RODRIGUES, Andréa. Participação em banca de Fábio Alexandre Santos da Silva. Poesia, Homofobia e Letramento Literário. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; GENS, Armando; DIAS, Ana Crélia P.. Participação em banca de Flaviana Rangel Pacheco de França. Contos de Terror em Sala de Aula: Oralidade e Produção Textual. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
QUELHAS, Iza; VIEGAS, Ana Cristina C.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Luciana Maria da Silva. O Ensino da Leitura e da Escrita no Nono Ano do Ensino Fundamental a partir da Leitura e do Estudo de Crônicas. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
SILVA, M. R. F.; GENS, Armando; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Carlos Vinicius Ferreira Ribeiro dos Santos. O Herói Tripartite. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
MENDES, Leonardo; RIBAS, Maria Cristina C.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Rodrigo Sampaio Nogueira. Burucululu: a carnavalização no romance-folhetim Filomena Borges, de Aluísio Azevedo. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
SILVA, M. R. F.; RIBAS, Maria Cristina C.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Joyce Neves Marinho de Lemos. Gota D'Água de Eurípides e Medéia de Chico Buarque e Paulo Pontes: uma análise comparativa. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

4.
SILVA, M. R. F.; QUELHAS, Iza; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Ingrid Gross. O duplo em "Anfitrião" e "Um deus dormiu lá em casa". 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

5.
SILVA, J. P.; KURY, A. G.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Ana Paula da Silva Freitas. Martin Claret e sua "Oração aos Moços": mista ou reformulada? As várias facetas de uma mesma edição. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

6.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; QUELHAS, Iza; RIBAS, Maria Cristina C.. Participação em banca de Edson Amaro de Souza. Vidas Cegas: a crítica ao Estado Capitalista em VIDAS SECAS, de Graciliano Ramos, e em ENSAIO SOBRE A CEGUEIRA, de José Saramago. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

7.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; SILVA, J. P.; BOTELHO, J. M.. Participação em banca de Ana Cristina Araújo Campos. A linguagem do sagrado em Gregório de Matos. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

8.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; SILVA, M. R. F.; QUELHAS, Iza. Participação em banca de Orlando Gomes da Costa Filho. Sátira de Aventuras em O SATIRICON de Petrônio e AVENTURAS DO DR. BOGOLOFF de Lima Barreto. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

9.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; MENDES, Leonardo; RIBAS, Maria Cristina C.. Participação em banca de Ênio Lima. A modernidade como estética da corrosão: o dandismo, a boemia, a literatura e a cidade em Baudelaire e Coelho Neto. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

10.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; MENDES, Leonardo; QUELHAS, Iza. Participação em banca de Carla Corrêa Vargas. O triunfo da arte - retratos de Poe e Wilde. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

11.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; MENDES, Leonardo; RIBAS, Maria Cristina C.. Participação em banca de Cristiane Cardoso Campos. Modernidades em O CORTIÇO: traços de modernidade na obra de Aluísio Azevedo. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

12.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; QUELHAS, Iza; RIBAS, Maria Cristina C.. Participação em banca de Suellen do Amaral Ferreira. Arnaldo Antunes: uma poética rumo ao futuro. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

13.
QUELHAS, Iza; RIBAS, Maria Cristina C.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Sônia Souza de Moura. Do outro lado do rio: linguagem e efeito em Primeiras estórias de Guimarães Rosa. 2009. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

14.
CORREA, Eloísa P.; RIBAS, Maria Cristina C.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Flávia Oliveira dos Santos. O byronismo em Álvares de Azevedo. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

15.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; MENDES, Leonardo; RIBAS, Maria Cristina C.. Participação em banca de Elisângela Ferreira Rodrigues Alves. A vida boêmia de Aluísio de Azevedo em O CORTIÇO. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

16.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; MENDES, Leonardo; RIBAS, Maria Cristina C.. Participação em banca de Elton Nunes José Alves. Liberdade, Igualdade, Fraternidade: literatura e política na boemia carioca do fim do século XIX. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

17.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; RIBAS, Maria Cristina C.; MENDES, Leonardo. Participação em banca de Keila Medeiros. As transposições do cânone literário nos primeiros romances de Machado de Assis. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

18.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; QUELHAS, Iza; NERCOLINI, M.. Participação em banca de Isabelle Lins Leite. Imbolando de lá pra cá e daqui pra lá: o pensamento baudelairiano na obra de Zeca Baleiro. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

19.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; QUELHAS, Iza; RIBAS, Maria Cristina C.. Participação em banca de Luciene Alves Cardoso. A alma decadente das ruas do Rio de Janeiro: um estudo comparado entre João do Rio e Lobão. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

20.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; PINTO, Marcello; KRAUSE, G. B.. Participação em banca de Daniel Moutinho Souza. Fronteiras entre ficção e realidade em George Orwell: uma leitura pragmática e construtivista. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

21.
QUELHAS, Iza; BARROS JR, Fernando Monteiro de; FARIA, A.. Participação em banca de Carlos Henrique dos Santos Pinto. Estudos para a composição da narrativa em OS LADOS DO CÍRCULO, de Amílcar Bettega Barbosa. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

22.
MENDES, Leonardo; QUELHAS, Iza; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Angélica Maria Santana Batista. Terrível como um exército em ordem de batalha; brilhante como o sol e como a lua: a mulher em Murilo Rubião. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

23.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; MENDES, Leonardo; PINTO, M. I. R.. Participação em banca de Priscila Teixeira Batista. Traços contemporâneos na poética de Roberto Piva. 2008. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

24.
QUELHAS, Iza; PINTO, Marcello; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Jacob Isaacc Birer Junior. Estudo Comparativo entre os romances ÀS AVESSAS, de Huysmans, e O RETRATO DE DORIAN GRAY, de Oscar Wilde. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

25.
MENDES, Leonardo; PINTO, Marcello; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Paulo Alex Souza Melo da Silva. O Bastardo do Mal: Tradição e Ruptura em NOITE NA TAVERNA. 2006. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
QUELHAS, Iza; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Gabriel da Matta.A recepção de romances de João Gilberto Noll na internet. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
MUCCI, L. I.; MENDONCA, L.; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Participação em banca de Priscilla Elias Matsumoto da Costa.Sísifo: o homem absurdo. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Produção Cultural) - Universidade Federal Fluminense.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
QUELHAS, Iza; MENDES, Leonardo; BARROS JR, Fernando Monteiro de. Concurso de Seleção para ingresso no Curso de Especialização em Estudos Literários. 2007. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VI SELL ? SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ESTUDOS LINGUÍSTICOS E LITERÁRIOS - II SEG - Seminário de Estudos do Góticotico.Horace Walpole e The Castle of Otranto: Ressonâncias e controvérsias nos Estudos do Gótico. 2017. (Simpósio).

2.
XV Congresso Internacional da Associação Brasileira de Literatura Comparada - ABRALICLIC. Traços do Gótico em Fogo Morto, de José Lins do Rego. 2017. (Congresso).

3.
III Colóquio Periódicos & Literatura: o estado da arte e uma projeção para o próximo biênio.Faces do moderno em Kósmos. 2016. (Encontro).

4.
III Congresso Internacional Vertentes do Insólito Ficcional. ?A personagem nos mundos possíveis do insólito ficcional?. 2016. (Congresso).

5.
III Congresso Internacional Vertentes do Insólito Ficcional. Metamorfoses do vilão gótico na literatura brasileira: ?fantasmas? e ?vampiros? em A menina morta, de Cornélio Penna. 2016. (Congresso).

6.
XV Encontro ABRALIC.A alegoria e o fantasma no Gótico brasileiro. 2016. (Encontro).

7.
XXXI Encontro Nacional da ANPOLL.O Gótico brasileiro em Lúcio Cardoso e Cornélio Penna. 2016. (Encontro).

8.
International Gothic Association Conference 2015: Gothic Migrations. The decadent plantation big house as a haunted castle: Brazilian Gothic in Gilberto Freyre?s "The masters and the slaves?. 2015. (Congresso).

9.
VI Encontro Nacional O Insólito como Questão na Narrativa Ficcional. Quadros do Gótico na poesia brasileira. 2015. (Congresso).

10.
7th Annual International Conference on Literature. Brazilian Gothic: Allegories of Tradition in Gilberto Freyre and the Catholic novelists of the 1930s. 2014. (Congresso).

11.
Alternative Modernisms: an international, interdisciplinary conference. Lúcio Cardoso, an alternative Brazilian modernist. 2013. (Congresso).

12.
XIII Congresso Internacional da ABRALIC. O sublime e o grotesco em O Conde Lopo, de Álvares de Azevedo. 2013. (Congresso).

13.
Literary Criticism Conference - LIT CRI '12. Orientalism in Brazilian Poetry of the Late 19th Century. 2012. (Congresso).

14.
Congresso ABRALIC. O mármor da Lacônia e a delícia do pecado: Bilac decadentista. 2008. (Congresso).

15.
I Ciclo PENSARES MOVEM NOSSO PENSAR.Théophile Gautier e Charles Baudelaire: A Paratopia do Escritor e a Conquista da Autonomia da Literatura e da Arte. 2008. (Encontro).

16.
I Seminário Machado de Assis.Machado, leitor de Baudelaire. 2008. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ROSSI, Cido ; ZANINI, Cláudio ; BARROS JR, Fernando Monteiro de . Simpósio: Estudos do Gótico: de suas origens setecentistas à contemporaneidade. 2017. (Congresso).

2.
COLUCCI, Luciana ; FRANCA, Julio ; BARROS JR, Fernando Monteiro de . Grupo de Trabalho: Tricentenário de Horace Walpole: reverberações de The Castle of Otranto nos Estudos do Gótico e em suas vertentes. 2017. (Congresso).

3.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; COLUCCI, Luciana . Simpósio: O Vilão Gótico e suas Metamorfoses - Literárias e Transliterárias. 2016. (Congresso).

4.
SILVA, Alexander M. ; BARROS JR, Fernando Monteiro de . Simpósio "Estudos do Gótico: as faces do Gótico no mundo". 2015. (Congresso).

5.
BARROS JR, Fernando Monteiro de; FRANÇA, Júlio ; COLUCCI, Luciana . Simpósio "O Medo como Prazer Estético: (Re)Leituras do Gótico Literário. 2014. (Congresso).

6.
SILVA, Alexander M. ; BARROS JR, Fernando Monteiro de ; FRANÇA, Júlio . Simpósio O Medo como Prazer Estético: o Horror, o Sublime e o Grotesco na Literatura. 2013. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Márcio Alessandro de Oliveira. Estudos do Gótico. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Letras e Linguística) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

2.
Raquel Souza de Morais. Narrativas policiais e o desenvolvimento de trabalhos de leitura e interpretação. Início: 2016. Dissertação (Mestrado profissional em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

Monografias de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Marcelle Ferreira de Siqueira. O gótico em Lygia Fagundes Telles. Início: 2017. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

2.
Maria Edileuza Marques. O flaneur baudelairiano em Rubem Fonseca. Início: 2015. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Adriana Osorio Muniz Chao. O byronismo em O Conde Lopo, de Álvares de Azevedo. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

2.
Vinicius da Silva Soares. O armário da casa assassinada: dandismo, sensibilidade queer e homoerotismo na obra de Lúcio Cardoso. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

3.
Jonanthan Costa Sales. As femme-fatales no universo Batman: da literatura para os quadrinhos. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

4.
Andréa Graça Costa. O erotismo em Hilda Hilst. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Leonardo Ramos Botelho Gomes. Literatura Gótica Brasileira. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. (Orientador).

2.
Vinicius Freitas. O Decadentismo na Poesia brasileira 1880-1920. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Flaviana Rangel Pacheco de França. HISTÓRIAS DE TERROR EM SALA DE AULA: FORMAÇÃO DE LEITORES E AUTORES. 2016. Dissertação (Mestrado em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

2.
Fábio Alexandre Santos da Silva. POESIA, GÊNERO E LETRAMENTO LITERÁRIO. 2016. Dissertação (Mestrado em ProfLetras - Mestrado Profissionalizante em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Iranilde dos Santos. Ressonâncias do Decadentismo em. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

2.
Leonarda Mota de Brito. Tradição e Modernidade: contrapontos poéticos em Ruy Barata. 2014. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

3.
Arnaldo Fernandes de São Thiago. Análise estrutural e polifônica da novela Inácio, de Lucio Cardoso. 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

4.
Carlos Vinícius Ferreira Ribeiro dos Santos. O Herói Tripartite. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

5.
Carla Corrêa Vargas. O triunfo da arte - retratos de Poe e Wilde. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

6.
Ênio Lima. A modernidade como estética da corrosão: o dandismo, a boemia, a literatura e a cidade em Baudelaire e Coelho Neto. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

7.
Flávia Oliveira dos Santos. O byronismo em Álvares de Azevedo. 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

8.
Isabelle Lins Leite. Imbolando de lá pra cá e daqui pra lá: o pensamento baudelairiano na obra de Zeca Baleiro. 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

9.
Priscila Teixeira Batista. Traços contemporâneos na poética de Roberto Piva. 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

10.
Luciene Alves Cardoso. A alma decadente das ruas do Rio de Janeiro: um estudo comparado entre João do Rio e Lobão. 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

11.
Paulo Alex Souza Melo da Silva. O Bastardo do Mal: Tradição e Ruptura em NOITE NA TAVERNA. 2006. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

12.
Jacob Isaacc Birer Junior. Estudo Comparativo entre os romances ÀS AVESSAS, de Huysmans, e O RETRATO DE DORIAN GRAY, de Oscar Wilde. 2006. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Estudos Literários) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Thuliana Gabriel da Silva Marcelo. O feminino dionisíaco na personagem Ofélia, de. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

2.
Carolina dos Santos Lopes. O vampiro byroniano e a tradição gótica. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Português e Inglês) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

3.
Victor de Lima Régis. A imagética do sangue na construção do feminino monstruoso em. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Português e Inglês) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

4.
Fernanda Sarli Guimarães. O Gótico em "Opiário", de Álvaro de Campos. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Português e Inglês) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

5.
Milessa Ferreira Ohasi. Charles Baudelaire: a modernidade em QUADROS PARISIENSES. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

6.
Sérgio da Silva Benedito. A femme fatale da cultura popular brasileira: a poesia nas saias da Pomba-Gira. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

7.
Geisa de Jesus Santos Lima. O vampiro e suas diversas metamorfoses: do cânone à cultura de massa. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

8.
Gustavo Augusto de Abreu Clevelares. Sobre Rimbaud e Verlaine. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

9.
Armando Rabelo Soares Neto. Aspectos mitológicos da femme fatale em Tarde, de Olavo Bilac. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

10.
Rogério dos Santos Conceição. A estética barroca: diálogos inter semióticos entre as telas de Caravaggio (1571 - 1610) e a poesia de Gregório de Matos (1636 - 1695). 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

11.
Patrícia Miranda da Silva. Os traços vampíricos em ?A Confissão?, de Flávio Carneiro. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

12.
Riane Avelino Dias. O cômico na poética pornográfica de Laurindo Rabelo. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

13.
Cristiane Lessa da Cunha. Carvalho Júnior: leitura de Baudelaire para a construção de uma poesia transgressora. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

14.
Ingrid Moura Carlos. Traços decadentes na poesia de Emiliano Perneta. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

15.
Michelle Souza da Veiga. A femme fatale e o vampiro: uma perigosa sedução. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

Iniciação científica
1.
Leonardo Ramos Botelho Gomes. Literatura Gótica Brasileira. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

2.
Fabiana Decker dos Santos. A poética do Decadentismo na Poesia Brasileira / Poesia Decadentista Brasileira. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Letras - Português e Inglês) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

3.
Gustavo Augusto de Abreu Clevelares. Poesia Decadentista Brasileira. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

4.
Renato Rivello do Amaral. Poesia Decadentista Brasileira. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

5.
Vinícius da Silva Soares. Poesia Decadentista Brasileira. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

6.
Renato Rivello Amaral. Poesia Decadentista Brasileira. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

7.
Armando Rabelo Soares Neto. Marcas do Decadentismo na Poesia Parnasiana Brasileira: Olavo Bilac. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

8.
Ingrid Moura Carlos. A poética do Decadentismo na Poesia de Emiliano Perneta. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

9.
Armando Rabelo Soares Neto. Marcas do Decadentismo na Poesia Parnasiana Brasileira: Olavo Bilac. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

10.
Suzane Morais da Veiga. A Poética do Decadentismo na Poesia Brasileira. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

11.
Liviane Alves Ferreira Werdum. Marcas do Decadentismo na Poesia Parnasiana Brasileira: Olavo Bilac. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

Orientações de outra natureza
1.
Ingryd Gonçalves dos Santos Santana. Retratos finisseculares: o Parnasianismo e o Simbolismo nos livros didáticos e nas aulas de literatura do ensino médio. 2016. Orientação de outra natureza. (Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

2.
Ingryd Gonçalves dos Santos Santana. Retratos finisseculares: o Parnasianismo e o Simbolismo nos livros didáticos e nas aulas de literatura do ensino médio. 2015. Orientação de outra natureza. (Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

3.
Júlia Coutinho Mafra. Retratos Finisseculares: o Parnasianismo e o Simbolismo nos livros didáticos e nas aulas de literatura do Ensino Médio. 2014. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

4.
João Carlos Damasceno de Souza. Retratos finisseculares: o Parnasianismo e o Simbolismo nos livros didáticos e nas aulas de literatura do Ensino Médio. 2012. Orientação de outra natureza. (Letras - Língua Portuguesa) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

5.
Gustavo Abreu. Marcas do Decadentismo na Literatura Brasileira do fin-de-siècle e da belle époque. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

6.
Rozalvo Canella dos Santos Junior. Retratos Finisseculares: O Parnasianismo e o Simbolismo no Livro Didático e nas Aulas de Literatura do Ensino Médio. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

7.
Érika Klein Cavalieri. Retratos Finisseculares: O Parnasianismo e o Simbolismo no Livro Didático e nas Aulas de Literatura do Ensino Médio. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

8.
Karin Ziláh da Silva. Monitoria em Literatura Brasileira I. 2011. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

9.
Amanda Dinucci Almeida. Marcas do Decadentismo na Poesia Brasileira do Fin-de-Siècle e da Belle Époque. 2010. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

10.
Filipe Freitas de Mello e Silva. Retratos Finisseculares: o Parnasianismo e o Simbolismo no Livro Didático e nas Aulas de Literatura do Ensino Médio. 2010. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

11.
Aline Pereira. Monitoria em Literatura Brasileira I. 2010. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, uerj. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

12.
Suzane Morais da Veiga. A poética de Charles Baudelaire e suas ressonâncias na literatura de fim-de-século do Brasil. 2009. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

13.
Sérgio da Silva Benedito. A poética de Charles Baudelaire e suas ressonâncias na literatura de fim-de-século do Brasil. 2009. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

14.
Geisa de Jesus Santos Lima. A poética de Charles Baudelaire e suas ressonâncias na literatura de fim-de-século do Brasil. 2009. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

15.
Aline Pereira. Marcas do Decadentismo na Poesia Brasileira do Fin-de-Siècle e da Belle Époque. 2009. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

16.
Aline Pereira. Marcas do Decadentismo na Poesia Brasileira do Fim-de-Século e da Belle Époque. 2008. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

17.
Leandro Nascimento Cristino. Literatura Brasileira I. 2006. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

18.
Leandro Nascimento Cristino. Literatura Brasileira I. 2005. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

19.
Flávia Oliveira dos Santos. Literatura Brasileira I. 2004. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.

20.
Antonio Carlos Vitorino Nepomuceno. Literatura Brasileira I. 2003. Orientação de outra natureza. (Letras) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Orientador: Fernando Monteiro de Barros Junior.



Inovação



Projetos de pesquisa

Outros projetos


Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de2017BARROS JR, Fernando Monteiro de; COLUCCI, Luciana . Lovecraft e os matizes goticistas em 'The dreams in the witch-house'. Revista Abusões, v. 4, p. 152-188, 2017.


Livros e capítulos
1.
FRANÇA, Júlio (Org.) ; COLUCCI, Luciana (Org.) ; BARROS JR, Fernando Monteiro de (Org.) . O medo como prazer estético: (re)leituras do gótico literário. 1. ed. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2015. v. 1. 146p .

1.
BARROS JR, Fernando Monteiro de. Sombras góticas no fin-de-siècle tropical: a poesia decadentista de Teotônio Freire. In: Júlio França; Luciana Colucci. (Org.). As nuances do Gótico: do setecentos à atualidade. 1ed.Rio de Janeiro: Bonecker, 2017, v. 1, p. 69-95.



Outras informações relevantes


Integra o GT Vertentes do Insólito Ficcional (ANPOLL). É membro pesquisador dos grupos (CNPq) "Estudos do Gótico" (UERJ), "Estéticas de Fim-de-Século" (UFRJ) e "Ressonâncias do Decadentismo na Belle Époque Brasileira" (FBN).



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/10/2018 às 13:05:41