José Carlos Estêvão

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3898781884064293
  • Última atualização do currículo em 02/11/2018


Professor Livre Docente do Departamento de Filosofia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo (USP). É membro fundador do Centro de Estudos de Filosofia Patrística e Medieval de São Paulo (CEPAME). Seu trabalho com Filosofia, principalmente em História da Filosofia, diz respeito à recepção medieval de Aristóteles, às obras de autores como Pedro Abelardo e Guilherme de Ockham e ao pensamento político de Agostinho de Hipona e de Tomás de Aquino. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
José Carlos Estêvão
Nome em citações bibliográficas
ESTÊVÃO, José Carlos

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.
Av. Prof. Dr. Luciano Gualberto, 315
Butantã
05508-900 - Sao Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30913761
Fax: (11) 30312431


Formação acadêmica/titulação


1988 - 1996
Doutorado em Filosofia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Sobre a Liberdade em Guilherme de Ockham, Ano de obtenção: 1996.
Orientador: Franklin Leopoldo e Silva.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
1979 - 1990
Mestrado em Filosofia.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Título: A Ética de Abelardo e o Indivíduo,Ano de Obtenção: 1990.
Orientador: Carlos Arthur Ribeiro do Nascimento.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
1970 - 1975
Graduação em Filosofia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.


Pós-doutorado e Livre-docência


2009
Livre-docência.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Pedro Abelardo: Ética ou Conhece-te a ti mesmo, Ano de obtenção: 2009.
2001 - 2002
Pós-Doutorado.
École Normale Supérieure, rue d'Ulm, ENS, França.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1996 - 2009
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Doutor, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1992 - 1995
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

1996 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
História da Filosofia Medieval
1992 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Filosofia, .

1992 - Atual
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Filosofia
Introdução à Filosofia I
Filosofia Geral
História da Filosofia Medieval I-II-III
Tópicos de História da Filosofia I-II
2005 - 2017
Direção e administração, Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Coordenador do Programa de Pós-Doutoramento em Filosofia.
2014 - 2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, .

Cargo ou função
Membro do Grupo de Trabalho de reestruturação do Sistema Integrado de Bibliotecas (SIBi-USP).
2012 - 2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Presidente do Conselho de Biblioteca da FFLCH.
2011 - 2014
Direção e administração, Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Vice-Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia.
2003 - 2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, Biblioteca Central.

Cargo ou função
Membro do Conselho da Biblioteca da FFLCH.
2006 - 2011
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Pesquisa da FFLCH.
2007 - 2009
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro da Congregação da Faculdade.
2003 - 2004
Direção e administração, Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Coordenador do Programa de Iniciação Científica do Departamento de Filosofia.
1997 - 2001
Direção e administração, Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Filosofia.
1997 - 2001
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Pós-Graduação da FFLCH.
1998 - 1999
Direção e administração, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Coordenador do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE) da FFLCH.
1996 - 1997
Direção e administração, Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Coordenador do Programa de Iniciação Científica do Departamento de Filosofia.
1993 - 1996
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro de Comissão de Graduação da FFLCH.
1993 - 1996
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Filosofia, .

Cargo ou função
Membro de Comissão de Graduação do Departamento de Filosofia.

Centro de Estudos de Filosofia Patrística e Medieval de São Paulo, CEPAME, Brasil.
Vínculo institucional

1992 - Atual
Vínculo: Centro de Estudos, Enquadramento Funcional: Membro do Conselho Acadêmico
Outras informações
Membro fundador. Tesoureiro da gestão 1992-1996. Secretário da gestão 1997-2000. Tesoureiro da gestão 2001-2004. Membro do Conselho Acadêmico desde 2005. Co-editor dos Cadernos de Trabalho CEPAME. Membro da Comissão de Gestão do site CEPAME: http://cepame.fflch.usp.br


Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

1986 - 1991
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40


Universidade Metodista de São Paulo, UMESP, Brasil.
Vínculo institucional

1983 - 1986
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 30


Instituto de Filosofia São Bento, IFSB, Brasil.
Vínculo institucional

1983 - 1984
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 10


Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Vínculo institucional

1979 - 1982
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40



Linhas de pesquisa


1.
Nominalismo Medieval
2.
Ética e Política Medieval
3.
Recepção Medieval de Aristóteles
4.
Recepção Medieval de Agostinho


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Sobre a presença medieval de Agostinho
Descrição: A recepção medieval de Aristóteles sofre forte influência da leitura da obra de Agostinho. Ao mesmos tempo, modifica-se a maneira de compreendê-lo. Parece desenhar-se um "Agostinho medieval". Ou seja, um certo modo de manter presente a problemática e, muitas vezes, a letra de Agostinho, ainda que - por razões a serem discutidas - não seja comum comentá-lo textualmente. É provável que não se entenda Anselmo de Cantuária sem referência direta a Agostinho. A relação se torna mais elíptica, embora expressa, em Pedro Abelardo (como na "Teologia do sumo bem" e na "Ética"). É notoriamente reivindicada por autores como Henrique de Gand, João Duns Escoto e Guilherme de Ockham. Há também, ainda no século XIII, comentadores de Agostinho, como o dominicano Nicolau Trevet. Trata-se de buscar esboçar as diferentes figuras desta apropriação e indicar a intensidade do impacto conceitual decorrente. O trabalho compreendeu um estágio de pesquisa (FAPESP, 2017/21858-4) ligado ao seminário dirigido por Christophe Grellard (L'ignorance invincible et le problème de l'hétérodoxie. De Jean Gerson à Jean Nider) na École pratique des hautes études, Paris.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - Atual
Estudos de Paleografia Medieval
Descrição: A constatação de que as condições de acesso a fontes manuscritas foram extraordinariamente beneficiadas pelas atuais possibilidades de digitalização, leva à necessidade de qualificação de pesquisadores de História da Filosofia Medieval em Paleografia. Para tanto, organizou-se, no âmbito das atividades do Centro de Estudos de Filosofia Patrística e Medieval de São Paulo, o Grupo de Estudos de Paleografia Latina, com a participação de professores, pós-doutorandos, pós-graduandos e graduandos. Além de um Curso introdutório de Paleografia Latina (com carga horária de 100 h/a), sob a condução de Gustavo Barreto Vilhena de Paiva, promoveram-se seminários dirigidos por Greti Dinkova-Bruun (Toronto Univ. / PIMS): "Seminar Series on Latin Palaeography", nove sessões em 2012, na USP (FAPESP 2011/20078-9 / PRP-USP 12.1.1634.8.2) e "Seminar Series in Advanced Latin Palaeography", nove sessões em 2015, na USP e na Faculdade São Bento (FAPESP 2013/22488-5). Em ambos, com monitoria de Paiva, ex-aluno de Dinkova-Bruun na Durham University, na Inglaterra. No momento, Gustavo Barreto Vilhena de Paiva, desenvolve uma pesquisa de pós-doutorado sobre as "Quaestiones super Metaphysicam I-VI" do ms. Escorial, h.II.1, tradicionalmente atribuídas a Henrique de Gand (CNPq 405067/2017-8) e passou a fazer parte da equipe de edição dos "Henrici de Gandavo Opera Omnia", dirigida por Gordon A. Wilson (Katholieke Universiteit Leuven e University of North Carolina at Ashville). Nos seminários de 2015, pôde-se contar, também, em particular, com a participação de Luise M. Frenkel, professora do DLCV-FFLCH, cujo trabalho inclui a edição de manuscritos em Grego, Latim, Siríaco, Ge'ez (Etiópico) e Árabe. Com a ampliação do número de participantes qualificados, pretende-se que venha a ser constituído um "Laboratório de Estudos de Paleografia Antiga e Medieval". Está em preparação o Projeto, a ser submetido à FAPESP, de levantamento dos manuscritos e incunábulos de bibliotecas e coleções paulistas. Mesmo numa primeira aproximação, foi possível constatar a existência de manuscritos particularmente interessantes na Biblioteca Mário de Andrade (por exemplo, o ms. d28, com uma inusitadamente mescla de capitulares góticas com escrita humanística) e na Biblioteca Central da UNICAMP, de incunábulos da Mário de Andrade, da Biblioteca Mindlin, da USP, e da Biblioteca do Mosteiro de São Bento, nenhum dos quais descritos nos repertórios correntes. As atividades do Grupo de Estudos de Paleografia Latina são complementares às do Grupo de Estudos de Latim Medieval, também do CEPAME, voltado para a discussão atinente à diversidade de formas assumidas pelo latim filosófico da Antiguidade Tardia e da Idade Média e que, atualmente, sob a direção de Lorenzo Mammì (DF-FFLCH), dedica-se à tradução das "De diuersis quæstionibus octoginta tribus" de Agostinho de Hipona..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - Atual
Sobre a recepção medieval de Aristóteles
Descrição: A leitura de Aristóteles é o elemento determinante de diferenciação filosófica na Idade Média. Dois momentos podem ser tomados como seus limites: antes dela, a obra de Pedro Abelardo e, dois séculos depois, no seu momento de ruptura interna, a obra de Guilherme de Ockham. Trata-se de considerar de que modo Abelardo, ainda imerso na chamada episteme alexandrina e no neoplatonismo, propicia as condições de possibilidade filosófica para a nascente recepção de Aristóteles. Guilherme de Ockham, ao contrário, ao pretender eliminar a influência platonizante na leitura de Aristóteles, abre campo para a recuperação da tradição agostiniana, não mais na filosofia, mas na teologia. Essa tradição, dita nominalista - uma das vertentes mais profícuas da recepção escolástica de Aristóteles -, cujos desdobramentos nos indicam a direção da Modernidade, leva o aristotelismo a seus limites: sem abandonar o terreno aristotélico, trabalha já nos limites extremos da filosofia peripatética. Interessa-nos, em particular, justamente os pontos de tensão e (quase)-ruptura. Está associado ao Projeto de Pesquisa coordenado por Carlos Eduardo de Oliveira (USP), "Fundamentos da teoria da intelecção direta do singular: Guilherme de Ockham e a crítica da teoria das species" e à pesquisa desenvolvida por Gustavo Barreto Vilhena de Paiva (PD-USP) sobre "As noções de 'veritas' e 'ens' nas 'Quaestiones super Metaphysicam' atribuídas a Henrique de Gand".
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2007
Teorias do conhecimento na Antigüidade Tardia e na Idade Média - USP/COFECUB
Descrição: Acordo USP/COFECUB - Conhecimento e conhecimento de si. Contribuição das teorias do conhecimento na Antigüidade Tardia e na Idade Média a uma história do sujeito / Connaissance et connaissance de soi. Contribution des théories de la connaissance de l'Antiquité tardive et du Moyen Age à une histoire du sujet. Universidade de São Paulo / Université de Tours. Projeto organizado por Isabelle Koch (Université de Provence, Aix-Marseille I) e Moacyr Novaes (USP) e coordenado por Jöel Biard (Université de Tours) e Marco Zingano (USP)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (6) / Doutorado: (5) .
Integrantes: José Carlos Estêvão - Integrante / Moacyr Novaes - Integrante / Alfredo Storck - Integrante / Fátima Évora - Integrante / Marco Zingano - Integrante / Lorenzo Mammì - Integrante / Carlos Eduardo de Oliveira - Integrante / Isabelle Koch - Integrante / Joel Biard - Coordenador / Christophe Grellard - Integrante / Ernesto Perini dos Santos - Integrante / Aurélien Robert - Integrante / Fernando Fleck - Integrante.Financiador(es): Pró-Reitoria de Pesquisa da Universidade de São Paulo - Auxílio financeiro.
2005 - 2008
Tradução dos prólogos dos comentários de Tomás de Aquino das obras de Aristóteles
Descrição: O conjunto dos "prólogos" dos comentários que Tomás de Aquino faz de obras de Aristóteles configura uma primeira introdução a um dos aspectos mais relevantes da contribuição propriamente filosófica do Autor. Daí a importância intrínseca de traduzi-los, além do que, dada a ausência de tradição, entre nós, da tradução de autores medievais, espera-se que a discussão conjunta dos problemas filosóficos e filológicos suscitados pela tradução propicie o afinamento de parâmetros de trabalho coletivamente estabelecidos, assim como a determinação de referencial teórico compartilhado. Projeto realizado no âmbito das atividades do Centro de Estudos de Filosofia Patrística e Medieval de São Paulo (CEPAME).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2007
Projeto Temático Interioridade, subjetividade e discursividade
Descrição: As diversas linhas de estudo que compõem este projeto temático articulam-se em torno de dois pólos. De um lado, interrogam as relações entre interioridade, consciência, subjetividade e discursividade, concebidas como relações problemáticas que, de um modo ou de outro, remetem a um "malogro" filosoficamente elaborado, seja das expectativas relacionadas à linguagem como meio de investigação e de expressão, seja da identificação entre interioridade e sujeito. De outro, requerem estudos que situem os autores enfocados (Agostinho, Abelardo, Bergson e Wittgenstein) na distância que mantêm com relação a Descartes e à Filosofia Moderna. João Vergílio Gallerani Cuter, Coordenador. José Carlos Estêvão e Moacyr Novaes, Pesquisadores Principais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1996 - 1998
Sobre a onipotência divina e a liberdade humana em Guilherme de Ockham
Descrição: Estudo acerca da concepção de liberdade divina na obra de Ockham, tendo em vista a posição determinante que tal concepção assume para o autor como condição da afirmação da liberdade humana, tanto em relação a Deus como nas relações entre os homens. O trabalho compreendeu um estágio de pesquisa pós-doutoral sobre a liberdade de Deus em Ockham (FAPESP, 96/03106-7), realizado de junho a outubro de 1996, sob supervisão de Francis Wolff, na École normale supérieure, rue d'Ulm..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Outros Projetos


2005 - 2010
Projeto Ariadne: Acervo de História da Filosofia Medieval
Descrição: Quando, início da última década do século XX, estruturou-se entre nós a área de pesquisa e ensino de História da Filosofia da Antiguidade Tardia e da Idade Média era evidente a carência específica de nossas bibliotecas. Felizmente, o momento coincidia com a implementação do Programa da FAPESP de Apoio à Infraestrutura de Pesquisa, incluindo o Programa de Infraestrutura de Bibliotecas (uma dotação de US$ 250 milhões), seguido de sucessivas edições do Programa FAP-Livros, para recuperação e composição de acervo bibliográfico e cujas dotações têm acompanhado a demanda (na edição de 2010, estavam na ordem de US$ 20 milhões). Dada a correta disponibilidade de recursos, procedeu-se ao levantamento do acervo disponível e à elaboração de critérios sobre os elementos capazes de atender as necessidades de pesquisa, em particular, de doutorado e pós-doutoramento. Ou seja, além de um bom acervo referente a autores seminais, as coleções de texto e de comentário. As grandes coleções de edições críticas, tais como as diversas séries do "Corpus Christianorum" (por volta de mil títulos publicados), o "Corpus scriptorum christianorum orientalium", as "Sources chrétiennes". A "Bibliothek der griechischen Literatur", o "Corpus philosophorum Medii Aevi", incluindo séries como "Plato latino" e "Plato arabus", "Aristoteles latinus" e "Aristoteles semitico-latinus", "Avicenna latinus", o "Corpus philosophorum Teutonicorum" etc. Coleções especializadas, como "Études augustiniennes", "Bibliotheca victorina", "Scriptores latini hiberniae", "Philosophes Belges" ou "Nag Hammadi and Manichaean Studies" e a "Bibliothèque Copte de Nag Hammadi". Edições críticas das obras de autores determinados, como a edição Vaticana das obras de João Duns Escoto (e as edições de Quaracchi em geral). "Die Schriften des Johannes von Damaskos", a edição De Wulf-Mansion Centre da obra de Henrique de Gand (e a de Francisco de Marchia) etc. Coleções de texto e comentário, como "Artistarium", "Beiträge zur Geschichte der Philosophie und Theologie des Mittelalters", "Sic et Non", "Studies and Texts" (PIMS). As séries da Oxford: "Early Christian Texts", "Christian Studies", "Medieval Texts", "Theological Monographs", além da "Bibliotheca Oxoniensis". Os "Supplements" de "Vigiliae Christianae" etc. Coleções de comentários, tais como "Miscellanea Mediaevalia", "Millennio medievale", "Patristische Texte und Studien", "Islamic Philosophy, Theology, and Science", "Instrumenta Patristica et Mediaevalia", "Études de philosophie médiévale" etc. E coleções de tradução, basicamente, em alemão, espanhol, francês, inglês, italiano e português, tais como "Testi patristici", "Fontes christiani", "Cistercian Fathers", "Ancient Commentators on Aristotle", "Scrittori greci e latini", "The Fathers of the Church", "Il pensiero occidentale", "Pensamiento Medieval y Renacentista", "Sagesses chrétiennes", "Sagesses médiévales", "Biblioteca de Patrística", "Pères dans la Foi", "Fuentes patrísticas", BAC, "Biblioteca Clásica Gredos", "Yale Judaica Series" etc., todas com centenas de títulos. Além de bases eletrônicas especializadas (por exemplo, o "Corpus Augustinianum Gissense", "a Cornelio Mayer editum"). No total, foram listadas mais de 300 coleções e comprados aproximadamente 10 mil títulos. Lembrando que a disponibilidade de cópias eletrônicas na internet, embora bem vinda, está muito longe de suprir as necessidades de pesquisa. Dada sua amplitude, o projeto se estendeu por vários anos e envolveu um grande número de participantes (professores, estudantes e funcionários) de diversas universidades. Um instrumento que se mostrou necessário para orientar o processo foi o estabelecimento do catálogo de "Bibliografia Disponível", que pode ser acessado no site do CEPAME..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Membro de corpo editorial


2016 - Atual
Periódico: Primeiros Escritos
2009 - Atual
Periódico: Translatio. Caderno de Resenhas: História da Filosofia Medieval
2001 - Atual
Periódico: Rapsódia. Almanaque de Filosofia e Arte
1993 - 1994
Periódico: Discurso
1992 - 1993
Periódico: Cadernos de Trabalho CEPAME
1980 - 1981
Periódico: Temas de Ciências Humanas


Revisor de projeto de fomento


2011 - 2013
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais
1997 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo
1997 - Atual
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia/Especialidade: Filosofia Medieval.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia/Especialidade: Filosofia Política.


Idiomas


Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Latim
Lê Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
ESTÊVÃO, José Carlos2014ESTÊVÃO, José Carlos. Guilherme de Ockham e a ruptura da tradição política medieval. Em curso, Revista da Graduação em Filosofia da UFSCar, v. I, p. 5-27, 2014.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos2012ESTÊVÃO, José Carlos. Afinal, para que serve a Filosofia Medieval?. Cadernos de Filosofia Alemã, v. 17, p. 13-30, 2012.

3.
ESTÊVÃO, José Carlos2000ESTÊVÃO, José Carlos. Martorell e Abelardo: realismo e nominalismo em múltiplas histórias. Signum (São Paulo), São Paulo, v. 2, p. 97-107, 2000.

4.
ESTÊVÃO, José Carlos2000ESTÊVÃO, José Carlos. Liberdade e presciência em Ockham. Veritas (Porto Alegre. Impresso), Porto Alegre, v. 45, n.3, p. 369-380, 2000.

5.
ESTÊVÃO, José Carlos1997ESTÊVÃO, José Carlos. A crítica de Ockham à teologia como ciência. Cadernos de História e Filosofia da Ciência (UNICAMP), Campinas, v. 7, n.2, p. 99-120, 1997.

6.
ESTÊVÃO, José Carlos1993ESTÊVÃO, José Carlos. Abelardo: crítica do 'poder das chaves'. Veritas (Porto Alegre. Impresso), Porto Alegre, v. 38, n.150, p. 199-208, 1993.

7.
ESTÊVÃO, José Carlos1992ESTÊVÃO, José Carlos. Consciência e teologia em Abelardo. Cadernos de Trabalho Cepame, São Paulo, v. 1, n.3, p. 49-58, 1992.

8.
ESTÊVÃO, José Carlos1989ESTÊVÃO, José Carlos. Fiat voluntas tua! Vício e pecado na ética de Abelardo. Transformação, São Paulo, v. 12, p. 85-96, 1989.

9.
ESTÊVÃO, José Carlos1978ESTÊVÃO, José Carlos; RAMALHO, José Ricardo . Iglesia y Estado en el Brasil. Cristianismo y Sociedad, Buenos Aires, v. 55, p. 31-38, 1978.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
ESTÊVÃO, José Carlos. Abelardo e Heloísa. 1. ed. São Paulo: Discurso / Paulus, 2015. 164p .

2.
ARRABAL, José ; ESTÊVÃO, José Carlos . Stalin. 1. ed. São Paulo: Moderna, 1986. 136p .

Capítulos de livros publicados
1.
LOPES, Marisa ; ESTÊVÃO, José Carlos . Platão e Aristóteles: o nascimento da filosofia política. In: FRATESCHI, Y.; RAMOS, F. C.; MELO, R. (Org.). Manual de Filosofia Política. 1 ed. 2012. 3ed.- São Paulo: Saraiva, 2018, v. , p. 19-41.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. Da Antigüidade Tardia à Idade Média: Agostinho de Hipona, Tomás de Aquino, Guilherme de Ockham. In: MACEDO Jr., R. P. (Org.). Curso de Filosofia Política. 1ed.- São Paulo: Atlas, 2008, v. , p. 185-222.

3.
ESTÊVÃO, José Carlos. Martorell e Abelardo. Realismo e nominalismo em múltiplas histórias. In: LOPES, M., et al. (Org.). Tensões e passagens. Filosofia crítica e modernidade. Homenagem a Ricardo Terra. 1ed.- São Paulo: Singular, 2008, v. , p. 79-108.

4.
ESTÊVÃO, José Carlos. Da intelecção à intuição. Sobre a disputa medieval acerca do conhecimento dos singulares. In: PERES, D. T. (Org.). Justiça, Virtude e Democracia. 1ed.- Salvador: UFBA / Quarteto, 2007, v. , p. 151-162.

5.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre 'Heloísa e Abelardo' e sua fortuna crítica. In GILSON, É., Heloísa e Abelardo. 1ed.- São Paulo: Ed. da USP, 2007, v. , p. 7-20.

6.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre os católicos e o ensino de filosofia em São Paulo. In: MUCHAIL, S. T. (Org.). Um Passado Revisitado: 80 anos do Curso de Filosofia da PUC-SP. 1ed.- São Paulo: Educ, 1992, v. , p. 135-152.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
ESTÊVÃO, José Carlos. Em memória de Jean-Pierre Vernant. Boletim Informe. Informativo da FFLCH-USP, São Paulo, p. 7 - 8, 23 mar. 2007.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. Tomás de Aquino: a recepção de Aristóteles na cristandade medieval. Mente, Cérebro & Filosofia, São Paulo, p. 86 - 91, 09 mar. 2007.

3.
ESTÊVÃO, José Carlos. A alma em Tomás de Aquino. Mente, Cérebro & Filosofia, São Paulo, p. 92 - 98, 09 mar. 2007.

4.
ESTÊVÃO, José Carlos; RAMALHO, José Ricardo . Igreja e Estado. Jornal Opinião, Rio de Janeiro, , v. 216, 24 dez. 1976.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre o 'dictum propositionis' em Abelardo e alguns problemas de abordagem. In: IV Encontro de Filosofia Medieval, 1995, Porto Alegre. DE BONI, L. A. (Org.) Lógica e Linguagem na Idade Média. Porto Alegre: Ed. da PUC-RS, 1995. p. 69-76.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. A velhice da toupeira. In: Colóquio Internacional Rosa Luxemburg, 1991, Marília. LOUREIRO, I., VIGEVANI, T., (Org.) Rosa Luxemburg: a recusa da alienação. São Paulo: Ed. da UNESP, 1991. p. 145-150.

Apresentações de Trabalho
1.
ESTÊVÃO, José Carlos. O batismo de Aristóteles: metafísica e teologia em Tomás de Aquino (VI Colóquio de Filosofia da UFLA). 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. Nicolau Trevet, um comentador de Agostinho no Século XIII (II Encontro de Filosofia da Bahia). 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre o argumento de Anselmo e o que não se pode pensar (IV Colóquio de Filosofia da UFLA). 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
ESTÊVÃO, José Carlos. Tirania e liberdade em Guilherme de Ockham. Alguns pressuposto medievais da discussão sobre a democracia (Aula Inaugural do Curso de Filosofia da UEM). 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
ESTÊVÃO, José Carlos. Afinal, para que serve a Filosofia Medieval? (Seminário CEPAME - UFABC). 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
ESTÊVÃO, José Carlos. Guilherme de Ockham e a ruptura da tradição política medieval (Conferência de Abertura da II Semana de Graduação de Filosofia da UFSCar). 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre os medievais e a constituição histórica da universidade (Aula-Magna do Curso de Filosofia da UFLA). 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
ESTÊVÃO, José Carlos. Conhecimento do indivíduo e experiência em Guilherme de Ockham (V Colóquio Empirismo, Fenomenologia e Gramática - UFBA). 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
ESTÊVÃO, José Carlos. A teologia como ciência na Idade Média (Colóquio Filosofia e Ciências - UFBA). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
ESTÊVÃO, José Carlos. Heloísa e Abelardo (Aula no XIII Encontro Nacional de Pesquisa na Graduação em Filosofia da USP). 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
ESTÊVÃO, José Carlos. O divórcio entre fé e conhecimento: de Agostinho a Kant (IV Congresso de Ética e Cidadania - Mackenzie). 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
ESTÊVÃO, José Carlos. Para ler Abelardo e Heloísa (O Prazer do Texo, III - UFBA). 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre a essência em Tomás de Aquino (Conferência de Abertura do IX Encontro de Pesquisa em Filosofia na Graduação da USP). 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
ESTÊVÃO, José Carlos. Os sermões de Agostinho sobre a queda de Roma (III Seminário Multidisciplinar Antigüidade Tardia / Idade Média - UNICAMP). 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

15.
ESTÊVÃO, José Carlos. A tradição de formação escolar. Alberto Magno e Tomás de Aquino: um caso arquetípico? (Conferência de Abertura do IX Encontro de Pesquisa em Filosofia na Graduação da UNICAMP). 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
ESTÊVÃO, José Carlos. Da intelecção à intuição. O conhecimento do singular como premissa da ruptura medieval com a política aristotélica (Colóquio Virtude, Justiça, Democracia - UFBA). 2005. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

17.
ESTÊVÃO, José Carlos. Guilherme de Ockham e a ruptura da tradição política medieval (UFMT). 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
ESTÊVÃO, José Carlos. Críticas de Guilherme de Ockham às provas da existência de Deus (XXVII Jornada de Filosofia da UNESP, Marília). 2003. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

19.
ESTÊVÃO, José Carlos. O Cristianismo e a filosofia política medieval (Pensamento Político e Razão Pública - Programa Avançado em Teoria Política - IUPERJ). 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
ESTÊVÃO, José Carlos. A crítica de Pedro Abelardo ao agostinismo (I Colóquio de História da Filosofia Medieval - UFRGS). 2003. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

21.
ESTÊVÃO, José Carlos. Tomás de Aquino e a recepção da ciência aristotélica (História da Difusão Científica - USP). 2003. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

22.
ESTÊVÃO, José Carlos. Rupturas na Idade Média: as novas possibilidades da Filosofia Política (Conferência de Abertura do V Encontro de Pesquisa em Filosofia na Graduação da USP). 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
ESTÊVÃO, José Carlos. A querela dos universais (I Semana de Filosofia da Universidade Mackenzie). 2000. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

24.
ESTÊVÃO, José Carlos. Limites do aristotelismo de Guilherme de Ockham (IX ANPOF). 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
ESTÊVÃO, José Carlos. Tomás de Aquino, leitor de Aristóteles (UFPI). 1999. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
ESTÊVÃO, José Carlos. A leitura medieval de Aristóteles e a lógica de Guilherme de Ockham (XXVIII Semana de Filosofia da UnB). 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
ESTÊVÃO, José Carlos. Guilherme de Ockham, leitor de Tomás de Aquino (VIII ANPOF). 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
ESTÊVÃO, José Carlos. Guilherme de Ockham: Deus pode criar um mundo melhor do que este (UNESP, Marília). 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
ESTÊVÃO, José Carlos. A crítica de Guilherme de Ockham à teologia como ciência (X Colóquio de História da Ciência do CLE - UNICAMP). 1997. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

30.
ESTÊVÃO, José Carlos. Rupturas na História da Filosofia: dos medievais aos modernos (USJT). 1997. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
ESTÊVÃO, José Carlos. A liberdade de Deus e a liberdade dos homens em Guilherme de Ockham (Aula Inaugural do Departamento de Filosofia da USP). 1997. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
ESTÊVÃO, José Carlos. Da onipotência divina em Guilherme de Ockham: sobre as Distinções 42 a 44 da 'Ordinatio'. (VII ANPOF). 1996. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
ESTÊVÃO, José Carlos. Limites do conhecimento em Guilherme de Ockham (VI ANPOF). 1994. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

34.
ESTÊVÃO, José Carlos. A tradição nominalista medieval (III Semana de Filosofia da UFU). 1993. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
ESTÊVÃO, José Carlos. Medievais, Modernos: o erro dos sentidos e o sonho (o argumento do homem morto) (Simpósio Nacional da Associação de Estudos Filosóficos do Século XVII - USP). 1993. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

36.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre o 'dictum propositionis' em Pedro Abelardo e alguns problemas de abordagem (IV Encontro de Filosofia Medieval - PUC-RS). 1993. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

37.
ESTÊVÃO, José Carlos. A ética da intenção de Pedro Abelardo (Colóquio CEPAME. Prudência, Consciência Moral - UNICAMP). 1993. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
ESTÊVÃO, José Carlos. Consciência e teologia em Pedro Abelardo (V ANPOF). 1992. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
ESTÊVÃO, José Carlos. O indivíduo na ética de Pedro Abelardo (IV ANPOF). 1990. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

40.
ESTÊVÃO, José Carlos. Guilherme de Ockham e os 'insolubilia' (Seminário Sobre a contradição - UFRGS). 1988. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
ESTÊVÃO, José Carlos. Sobre a noção de 'status rei' em Pedro Abelardo (Semana de Filosofia da PUC-SP). 1983. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
FRANCO Jr., Hilário ; ESTÊVÃO, José Carlos ; ALMEIDA, Vivian C. ; BASTOS, Mário Jorge M. ; CAMPOS, Flávio ; MACEDO, José Rivair ; MONGELLI, Lenia Márcia M. ; RIBEIRO, Daniel V. ; SOARES-CHRISTEN, Eliana M. . ( 2a. edição da ) Tradução de LE GOFF, JACQUES, e SCHMIT, JEAN-CLAUDE, eds., Dicionário Analítico do Ocidente Medieval. São Paulo: Editora da UNESP, 2017. (Tradução/Livro).

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. Resenha de ANDRÉE, ALEXANDER, Peter Abelard: Historia calamitatum (Consolation to a Friend). Edited from Troyes, Médiathèque du Grand Troyes, MS 802. Toronto, Centre for Medieval Studies by the Pontifical Institute of Mediaeval Studies, 2015. The Journal of Medieval Latin, Toronto, 26, pp. 363-364. Turnhout: Brepols, 2016 (Resenha).

3.
ESTÊVÃO, José Carlos. Membro da Coordenação da Coleção Filosofia Medieval da Editora Paulus. São Paulo: Paulus, 2013 (Coordenação de Coleção).

4.
ESTÊVÃO, José Carlos. Tradução de BRENET, JEAN-BAPTISTE, A minha ideia: aquisição e atribuição no pensamento de Averróis, Discurso, 40, pp. 329-350. São Paulo: Departamento de Filosofia da USP, 2010. (Tradução/Artigo).

5.
ESTÊVÃO, José Carlos; OLIVEIRA, Carlos Eduardo . Revisão geral da tradução das 'Institutas' de JOÃO CALVINO, A Instituição da Religião Cristã. T. I, Livros 1 e 2. 507 p. São Paulo: Editora da UNESP, 2008. (Tradução/Livro).

6.
FRANCO Jr., Hilário ; ESTÊVÃO, José Carlos ; ALMEIDA, Vivian C. ; BASTOS, Mário Jorge M. ; CAMPOS, Flávio ; MACEDO, José Rivair ; MONGELLI, Lenia Márcia M. ; RIBEIRO, Damiel ; SOARES-CHRISTEN, Eliana M. . Tradução de LE GOFF, JACQUES, et SCHMIT, JEAN-CLAUDE, eds., Dicionário Temático do Ocidente Medieval. 1314 p. São Paulo / Bauru: Imprensa Oficial / EDUSC, 2002. (Tradução/Livro).

7.
ESTÊVÃO, José Carlos; CUTER, João Vergílio . Seleção editorial de HUISMAN, D., ed., Dicionário de Filósofos. 1.053 p. São Paulo: Martins Fontes, 2001 (Seleção editorial).

8.
ESTÊVÃO, José Carlos. Resenha de GILSON, ÉTIENNE, A Filosofia na Idade Média. São Paulo, Martins Fontes, 1995. Jornal de Resenhas. 1995. Vol. I, pp. 252-253. São Paulo: Discurso, 2001 (Resenha).

9.
ESTÊVÃO, José Carlos. Resenha de AL-JABRI, MOHAMMED ABED, Introdução à Crítica da Razão Árabe. São Paulo, UNESP, 1999. Jornal de Resenhas. 2000. Vol. II, pp. 1734-1735. São Paulo: Discurso, 2001 (Resenha).

10.
ESTÊVÃO, José Carlos. Resenha de NASCIMENTO, CARLOS A. R., De Tomás de Aquino a Galileu. Campinas, UNICAMP, 1995. Jornal de Resenhas. 1996. Vol. I, pp. 463-465. São Paulo: Discurso, 2001 (Resenha).

11.
ESTÊVÃO, José Carlos. Discurso Editorial. São Paulo: Discurso Editorial, 1998 (Membro de Conselho Editorial).

12.
ESTÊVÃO, José Carlos. Resenha de DE GANDILLAC, MAURICE, Gênese da Modernidade. Rio de Janeiro, Editora 34, 1995. São Paulo: Jornal Estado de São Paulo, 1995 (Resenha).

13.
ESTÊVÃO, José Carlos. Revisão técnica da tradução de SALISBURY, JOYCE E., Pais da Igreja, Virgens Independentes. 242 p. São Paulo: Scritta, 1995. (Tradução/Livro).

14.
ESTÊVÃO, José Carlos. Tradução de NASCIMENTO, CARLOS ARTHUR R., O 'De ideis' de Sto. Agostinho: alguns temas agostinianos e suas relações com a tradição platônica. Cadernos de Trabalho CEPAME, 2, 2, pp. 89-98. São Paulo: Departamento de Filosofia da USP, 1993. (Tradução/Artigo).

15.
ESTÊVÃO, José Carlos. Apresentação de VERGER, JACQUES, As Universidades na Idade Média. Ed. da UNESP. São Paulo, 1990. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

16.
ESTÊVÃO, José Carlos. Resenha de HARNECKER, MARTA, Los conceptos elementares del materialismo histórico. México, Siglo XXI, 1969. Simpósio, 8, pp. 30-31. São Paulo: ASTE, 1972 (Resenha).


Demais tipos de produção técnica
1.
ESTÊVÃO, José Carlos. USP (Maria Antônia) - Passagens do pensamento medieval ao moderno. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. UFBA - Curso de História da Filosofia Medieval: Tomás de Aquino e Guilherme de Ockham: duas teorias da abstração. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
ESTÊVÃO, José Carlos. UFMT - Curso de História da Filosofia Medieval: Concepções políticas medievais: Tomás de Aquino e Ockham. 2004. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
ESTÊVÃO, José Carlos. UNESP - Curso de História da Filosofia Patrística e Medieval: Parte II. A concepção de Teologia em Pedro Abelardo, Tomás de Aquino e Guilherme de Ockham. 2003. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
ESTÊVÃO, José Carlos. UFMG - Curso de História da Filosofia Medieval: Fundamentos da lógica terminista de Guilherme de Ockham. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
ESTÊVÃO, José Carlos. UESC - Curso Introdutório de História da Filosofia: Método e certeza em Descartes: Introdução às Meditações. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
ESTÊVÃO, José Carlos. USC - Curso Introdutório de História da Filosofia Medieval: Introdução a Tomás de Aquino, leitor de Aristóteles. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

8.
ESTÊVÃO, José Carlos. UFSE - Curso de História da Filosofia Medieval: Três momentos na História da Filosofia Patrística e Medieval: Agostinho de Hipona, Tomás de Aquino, Guilherme de Ockham. 1997. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Demais trabalhos
1.
COHN, Gabriel ; BALBACHEVSKY, Elizabeth ; ESTÊVÃO, José Carlos . Universidade em discussão, 3. O Docente e a Pesquisa (USP). 2016 (Difusão) .

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. Ética na Idade Média (Aula no Curso de História da Ética da Escola Paulista de Magistratura). 2014 (Difusão) .

3.
ESTÊVÃO, José Carlos. Conferencista no II Curso Abril de Humanidades. Filosofia Medieval: Tomás de Aquino e Guilherme de Ockham. 2006 (Difusão) .

4.
ESTÊVÃO, José Carlos. Conferencista no I Curso Abril de Humanidades / TV Cultura: Tomás de Aquino um debate aristotélico com Agostinho. 2004 (Difusão) .

5.
ESTÊVÃO, José Carlos. Projeto Balanço do Século XX - Paradigmas do Século XXI. Curador do Módulo 'Fundadores do Pensamento do Século XX'. Conferencistas: José Arthur Giannotti, Franklin Leopoldo e Silva, Gabriel Cohn, João Vergílio Cuter, Luís Bernardo Araújo, Luiz Gonzaga de Mello Belluzzo, Marcos Nobre, Ney Branco, Oswaldo Giacóia. 9 sessões no Espaço Cultural CPFL / TV Cultura. 2003 (Difusão) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
OLIVEIRA, Carlos Eduardo; ESTÊVÃO, José Carlos; CRISTOFOLETTI, Fabrício K.; SILVA, Marco Aurélio O.. Participação em banca de Richard Lazarini. A noção de ato de ser segundo a Exposição de Tomás de Aquino ao 'Ebdomadibus' de Boécio. 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos; COSTA, Lessandro R.; NOVAES, Moacyr. Participação em banca de André Botelho Scholz. Entre sentido e razão: um estudo sobre a ordenação do intelecto no 'Tratado das Intelecções' de Pedro Abelardo. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
ESTÊVÃO, José Carlos; OLIVEIRA, Carlos Eduardo; SAVIAN FILHO, Juvenal. Participação em banca de Adriano Martinho Correia da Silva. A latinização do vocabulário grego do ser em Boécio: sobre o 'De hebdomadibus'. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

4.
MAGALHÃES TACCONI, Ana Paula T.; ESTÊVÃO, José Carlos; OLIVEIRA, Terezinha. Participação em banca de José Luís dos Santos Pereira Filho. 'Ordo et officium': a ordem do mundo e o ofício do 'magister' na correspondência entre Pedro Abelardo e Heloísa. 2014. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade de São Paulo.

5.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; SILVA FILHO, Luiz Marcos. Participação em banca de Cléver Cardoso Teixeira de Oliveira. Lei divina e lei humana em Agostinho: 'De libero arbitrio' e 'De civitate Dei'. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

6.
ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; SILVA FILHO, Luiz Marcos. Participação em banca de Robson Tadeu Muraro. Os limites da lei humana na 'Suma de Teologia' de Santo Tomás de Aquino. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

7.
ESTÊVÃO, José Carlos; OLIVEIRA, Carlos Eduardo; SILVA, Marco Aurélio O.. Participação em banca de Joel Pinheiro da Fonseca. A apreensão dos primeiros princípios da ética em Tomás de Aquino. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

8.
ALVIM, Márcia Helena; ESTÊVÃO, José Carlos; ZATERKA, Luciana. Participação em banca de Sônia Brzozowski. Tomás de Aquino e o conhecimento. Questão 84, artigos V e VI da 'Suma Teológica'. 2013. Dissertação (Mestrado em História e Filosofia das Ciências) - Universidade Federal do ABC.

9.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; AYOUB, Cristiane N. A.. Participação em banca de Rafael Alves de Souza Barberino Rodrigues. O episódio do furto das peras no Livro II das 'Confissões' de Agostinho de Hipona. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

10.
OLIVEIRA, Carlos Eduardo; ESTÊVÃO, José Carlos; CASS, Julian R.. Participação em banca de André de Deus Berger. Presença de Agostinho na tese de Tomás de Aquino sobre o conhecimento humano na Primeira Parte da 'Suma de Teologia'. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de São Carlos.

11.
NOAVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; STORCK, Alfredo. Participação em banca de Arthur Klik de Lima. Averróis e a questão do intelecto material no 'Grande comentário ao De anima de Aristóteles'. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

12.
OLIVEIRA, Carlos Eduardo; ESTÊVÃO, José Carlos; PEREIRA, Reinaldo S.. Participação em banca de Edsel Pamplona Diebe. O processo de intelecção em Pedro Abelardo. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

13.
MAMMÌ, Lorenzo; ESTÊVÃO, José Carlos; GOMES, Davi C.. Participação em banca de Fabiano de Almeida Oliveira. As raízes agostinianas da epistemologia religiosa de João Calvino: confluências e divergências. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

14.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Lessandro Regiani Costa. Sobre a verdade em Anselmo de Cantuária. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

15.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Roberta Crivorncica. A necessidade e a possibilidade da prova da existência de Deus em Tomás de Aquino. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

16.
SOUZA NETTO, Francisco Benjamin de; ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur Ribeiro Do. Participação em banca de Getúlio Pereira Jr.. O comentário de Tomás de Aquino ao livro I do 'De anima' de Aristóteles, capítulos 1-4. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

17.
ESTÊVÃO, José Carlos; CÉSAR, Floriano Jonas; SOUZA, Maria das Graças de. Participação em banca de Érica Nishikawa. A defesa do Império na filosofia política de Marsílio de Pádua. 2004. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

18.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; PINTO, Débora Morato. Participação em banca de Joel Gracioso. A relação entre o problema de Deus e a questão do mal no livro VII das 'Confissões' de Agostinho de Hipona. 2003. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

19.
ESTÊVÃO, José Carlos; DA COSTA, Newton; SOUZA, Edélsio G.. Participação em banca de Elígia Mitsue Hirano. A linguagem Loc: uma proposta de formalização para a linguagem ockhamiana. 2003. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

20.
SOUZA, Maria das Graças de; ESTÊVÃO, José Carlos; BIRCHAL, Telma S.. Participação em banca de Paulo Roberto Pedrozo Rocha. Aspectos da vida política segundo João Calvino. 2001. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

21.
SOUZA NETTO, Francisco Benjamin; ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.. Participação em banca de Anselmo Tadeu Ferreira. O conceito de ciência em Guilherme de Ockham. 2001. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

22.
NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; ESTÊVÃO, José Carlos; ÉVORA, Fátima. Participação em banca de Emanuela Dias Oliveira. 'Apologia de Galileu' de Tomaso Campanella. Introdução, tradução e notas. 2001. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

23.
ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R; NOVAES, Moacyr. Participação em banca de José Antônio Martins. A questão do intelecto possível em Tomás de Aquino: o 'Contra Averroístas'. 2001. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

24.
ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; NOVAES, Moacyr. Participação em banca de Carlos Eduardo de Oliveira. Intuição e verdade em Guilherme de Ockham. Sobre a notícia evidente na Primeira Questão do Prólogo da 'Ordinatio'. 2001. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

25.
SOUZA, Maria das Graças de; ESTÊVÃO, José Carlos; NOBRE, Marcos. Participação em banca de Reinaldo Francisco Abelísio. Três argumentos da crítica da religião em Voltaire. 2000. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

26.
CHAUÍ, Marilena; ESTÊVÃO, José Carlos; CATÃO, Francisco. Participação em banca de Juvenal Savian Filho. Os 'Escritos teológicos' de Boécio. Tradução, introdução e notas. 2000. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

27.
NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; ESTÊVÃO, José Carlos; ISKANDAR, Jamil Ibrahim. Participação em banca de Miguel Attie Filho. Os sentidos internos em Ibn Sina (Avicena). 1999. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

28.
ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; NOVAES, Moacyr. Participação em banca de Andrei Ivánov. A cogitativa em Tomás de Aquino: predisposição do sensível para o intelecto. 1999. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

29.
ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; SOUZA NETTO, Francisco Benjamin. Participação em banca de Angelo Zanoni Ramos. A noção de justiça em 'A Cidade de Deus' de Agostinho. 1999. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

30.
NASCIMENTO, Milton M.; ESTÊVÃO, José Carlos; BRANDÃO, Gildo Marçal. Participação em banca de Antonius Iraeo Escobar. Teoria leninista do partido. Um ensaio exploratório. 1998. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

31.
FALBEL, Nachman; ESTÊVÃO, José Carlos; WERNET, Augustin. Participação em banca de Ana Paula Tavares Magalhães. A questão espiritual nos Beguinos da Provença. 1998. Dissertação (Mestrado em História Social) - Universidade de São Paulo.

32.
NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; ESTÊVÃO, José Carlos; SOUZA NETTO, Francisco Benjamin. Participação em banca de Antônio Raimundo dos Santos. Repensando a Filosofia. A Questão I do Prólogo da 'Ordinatio' de Guilherme de Ockham. Apresentação e tradução. 1996. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
FRANCA, Susani S. L.; ESTÊVÃO, José Carlos; CASTANHO, Gabriel; FERREIRA, Ricardo A.; TEODORO, Leandro A.. Participação em banca de Letícia Gonçalves Alfeu de Almeida. Para falar com Deus: Jean Gerson e o ensino da contemplação aos simples (França, séculos XIV e XV). 2018. Tese (Doutorado em Historia) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos; GUERIZOLI, Rodrigo; OLIVEIRA, Carlos Eduardo; SILVA, Marco Aurélio O.; STORCK, Alfredo. Participação em banca de Gustavo Barreto Vilhena de Paiva. O conhecimento abstrativo em Henrique de Gand (a. 1240-1293). 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; OLIVEIRA, Carlos Eduardo; SILVA, Marco Aurélio O.. Participação em banca de Arthur Klik de Lima. A relação entre vontade e pensamento em Averróis. Um estudo sobre o homem e seu destino a partir do 'Grande comentário ao De anima'. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

4.
ESTÊVÃO, José Carlos; GUERIZOLI, Rodrigo; MAMMÌ, Lorenzo; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Jonas Moreira Madureira. O intelecto e a imaginação no conhecimento de Deus segundo Tomás de Aquino. Aristotelismo e neoplatonismo. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

5.
NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; ESTÊVÃO, José Carlos; AQUINO, Marcelo; CAMELLO, Maurílio; CEZAR, César Ribas. Participação em banca de Marcelo Pereira de Andrade. O autoconhecimento conhecimento da alma em Tómas de Aquino. 2013. Tese (Doutorado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

6.
GUERZONI, José Alexandre; ESTÊVÃO, José Carlos; GUERRIZOLI, Rodrigo; LEVY, Lia; STORCK, Alfredo. Participação em banca de Antônio Augusto Caldasso Couto. Amor, desejo e amizade: um estudo sobre a natureza do amor na 'Suma Teológica' de Sto. Tomás de Aquino. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

7.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; AYOUB, Cristiane N. A.; BARROS, Alberto; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Luiz Marcos da Silva Filho. Desnaturalização da política em 'A Cidade de Deus', de Agostinho. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

8.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; AYOUB, Cristiane N. A.; MARKESON, Roberto; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de José Renivaldo Rufino. Relevância filosófica das pequenas coisas: a infância no Livro I das 'Confissões' de Agostinho de Hipona. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

9.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; AYOUB, Cristiane N. A.; MAMMÌ, Lorenzo; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Walterson José Vargas. Soberba e humildade em Agostinho de Hipona. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

10.
SOUZA NETTO, Francisco Benjamin; ESTÊVÃO, José Carlos; FERRARO, Benedito; GUERIZOLI, Rodrigo; ORLANDI, Luiz. Participação em banca de Matteo Raschietti. A imagem sem imagem. Uma abordagem da teoria do conhecimento de Meister Eckhart através do princípio hermenêutico da imago-Bild. 2008. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

11.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; MAMMÌ, Lorenzo; NOGUEIRA, Paulo; RAMOS, Angelo Zanoni. Participação em banca de Cristiane Negreiros Abbud. Iluminação trinitária em Santo Agostinho. 2007. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

12.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; EVA, Luiz; MAMMÌ, Lorenzo; SOUZA NETTO, Francisco Benjamin. Participação em banca de Pelayo Moreno Palacios. O estamento da verdade no 'Contra Acadêmicos' de Agostinho. 2006. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

13.
ESTÊVÃO, José Carlos; BARBOSA FILHO, Balthazar; NOVAES, Moacyr; PERINE-SANTOS, Ernesto; SANTOS, Luiz Henrique Lopes dos. Participação em banca de Carlos Eduardo de Oliveira. A realidade e seus signos: as proposições sobre o futuro contingente e a predestinação divina na lógica de Guilherme de Ockham. 2006. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

14.
CHAUÍ, Marilena; ESTÊVÃO, José Carlos; DE BONI, Luiz A.; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; SOUZA NETTO, Francisco Benjamin. Participação em banca de Juvenal Savian Filho. A metafísica do ser em Boécio. 2005. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

15.
SOUZA NETTO, Francisco Benjamin; ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; NOGUEIRA, Paulo; NOVAES, Moacyr. Participação em banca de Paulo de Góes. O problema do suicídio em Sto. Agostinho: lógica e casuística à luz do 'de civitate Dei'. 2004. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

16.
COHN, Gabriel; ESTÊVÃO, José Carlos; CHAIA, Miguel; NOVAES, Moacyr; KRITSCH, Raquel. Participação em banca de Miguel Angel Rossi. A categoria de Estado no pensamento agostiniano e sua encruzilhada em uma dimensão moral, imoral ou extramoral. 2004. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade de São Paulo.

17.
ÉVORA, Fátima; ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; SANTOS, Luiz Henrique Lopes dos; SILVA, F. Leopoldo. Participação em banca de Márcio Augusto Damin Custódio. Matemática e filosofia da natureza no século XIV: Tomás de Bradwardine. 2004. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

18.
FRANCO Jr., Hilário; ESTÊVÃO, José Carlos; MESSAN, Renato; MONGELLI, Lenia Márcia M.; SMEKE, Rossevelt M.. Participação em banca de David Léo Levinsky. Um monge no divã. O adolecer de Guilbert de Nogent (1055-1125?): uma análise histórico-psicanalista. 2004. Tese (Doutorado em História) - Universidade de São Paulo.

19.
ESTÊVÃO, José Carlos; BRANCO, Ney; CARDOSO, Irene; LOPARIC, Zeljko; PELBART, Peter P.. Participação em banca de Sérgio Sklar. A 'Darstellung' freudiana: considerações sobre uma presentificação psíquica. 2004. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

20.
ESTÊVÃO, José Carlos; ISKANDAR, Jamil I.; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; NOVAES, Moacyr; STORCK, Alfredo. Participação em banca de Miguel Attie Filho. O intelecto no 'Kitab al-Nafs' de Ibn Sina (Avicena). 2004. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

21.
FALBEL, Nachman; ESTÊVÃO, José Carlos; DE BONI, Luiz A.; RIBEIRO, Daniel V.; SILVA, Marcelo C.. Participação em banca de Ana Paula Tavares Magalhães. Contribuição à questão da pobreza na 'Arbor vitæ crucifixæ Iesu' de Ubertino de Casale. 2003. Tese (Doutorado em História Social) - Universidade de São Paulo.

22.
ESTÊVÃO, José Carlos; MAMMÌ, Lorenzo; MARTINES, Paulo R.; NOVAES, Moacyr; SOUZA NETTO, Francisco Benjamin. Participação em banca de Angelo Zanoni Ramos. Ciência e sabedoria em Agostinho de Hipona. Um estudo do 'De trinitate'. 2003. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

23.
ESTÊVÃO, José Carlos; LAHUERTA, Milton; MAZZEU, Antônio Carlos; QUARTIN, João; SOUZA, Maria das Graças de. Participação em banca de Antonius Iraeo Escobar. Reflexões sobre 'Materialismo e Empiriocriticismo' de Lênin. 2003. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

24.
MENEZES, Philadelpho; PINHEIRO, Amálio; ESTÊVÃO, José Carlos; SA, Olga. Participação em banca de Marisa Mikahil Boccalato. De corpo e coração: linguagens do amor medieval. 2001. Tese (Doutorado em Comunicação e Semiótica) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

25.
MARICONDA, Pablo; ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R.; SILVA, Franklin Leopoldo e; ZINGANO, Marco. Participação em banca de Maria Cecília Leonel Gomes dos Reis. Psicologia e Filosofia Primeira. Ensaio sobre o método de investigação no 'De anima' de Aristóteles. 1997. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
OLIVEIRA, Carlos Eduardo; ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Carlos Arthur R. Participação em banca de Pedro Rodolfo Fernandes da Silva. Interioridade e intencionalidade nas obras éticas de Pedro Abelardo. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de São Carlos.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos; GUERIZOLI, Rodrigo; NASCIMENTO, Carlos Arthur R. Participação em banca de Gustavo Barreto Vilhena de Paiva. Um estudo sobre a noção de conhecimento em Henrique de Gand. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
NOBRE, Marcos; ESTÊVÃO, José Carlos; PLASTINO, Caetano. Participação em banca de Joaquim Toledo Jr. Richard Rorty e metafilosofia: crise organizacional e mudança de estilo filosófico na era pós-analítica. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da UNICAMP.

4.
ESTÊVÃO, José Carlos; AYOUB, Cristiane N. A.; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Lessandro Regiani Costa. Sobre a dialética em teologia: o 'de grammatico' de Anselmo de Cantuária. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

5.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Wanderly Alves de Sousa. Unidade e divisão da filosofia no 'Contra Academicos' de Agostinho. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

6.
MAMMÌ, Lorenzo; ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr. Participação em banca de Fabricio Klain Cristofoletti. As profecias no Sermão 252 de Agostinho de Hipona: um estudo sobre as relações entre a compreensão e a fé, e entre a demonstração e a persuasão. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

7.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de José Renivaldo Rufino. O cor inquietum e a ordem no livro I das 'Confissões' de Agostinho de Hipona. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

8.
ESTÊVÃO, José Carlos; CUTER, João Vergílio; ZINGANO, Marco. Participação em banca de Carlos Eduardo de Oliveira. A realidade e seus signos: as proposições sobre o futuro contingente e a predestinação divina na lógica de Guilherme de Ockham. 2004. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

9.
ESTÊVÃO, José Carlos; MONZANI, Luiz R.; CACCIOLA, Maria Lúcia. Participação em banca de Sérgio Sklar. A 'Darstellung' freudiana: considerações sobre uma presentificação psíquica. 2003. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

10.
LEOPOLDO E SILVA, Franklin; ESTÊVÃO, José Carlos; CHAUÍ, Marilena. Participação em banca de Luís César Guimarães Oliva. Sobre a possibilidade da história em Pascal. 1999. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

11.
SANTOS, Luiz Henrique Lopes dos; ESTÊVÃO, José Carlos; CHAUÍ, Marilena. Participação em banca de Moacyr Novaes. O livre-arbítrio da vontade humana e a presciência divina segundo Agostinho de Hipona. 1997. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Mestrado
1.
OLIVEIRA, Carlos Eduardo; ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr. Participação em banca de Richard Lazarini. A teoria da participação na filosofia de Tomás de Aquino: uma leitrura da 'Exposição sobre o Ebdomadibus de Boécio'. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos; AYOUB, Cristiane N. A.; OLIVEIRA, Carlos Eduardo. Participação em banca de Robson Tadeu Muraro. Os limites da lei humana na 'Suma de Teologia' de Santo Tomás de Aquino. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

3.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; AYOUB, Cristiane N. A.. Participação em banca de Suelma de Souza Moraes. A aporia da memória no livro X das 'Confissões' de Santo Agostinho. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

4.
ZINGANO, Marco; ESTÊVÃO, José Carlos; BOLZANI FILHO, Roberto. Participação em banca de José Wilson da Silva. Sobre o 'elenchos' socrático. 2006. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

5.
NOVAES, Moacyr; ESTÊVÃO, José Carlos; SILVA, F. Leopoldo. Participação em banca de Maria Janaína B. Marques. O conhecimento de si no 'Da Trindade' de Agostinho de Hipona. 2006. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

6.
SOUZA, Néri de Almeida; ESTÊVÃO, José Carlos; CAMPOS, Flávio. Participação em banca de João Gomes Silva Filho. Traços do surgimento histórico do indivíduo no século XII. Abelardo e Heloísa. 2001. Exame de qualificação (Mestrando em História) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

7.
PLASTINO, Caetano; ESTÊVÃO, José Carlos; SANTOS, Luiz Henrique Lopes dos. Participação em banca de Catarina Dutilh Novaes. A teoria da suposição em Guilherme de Ockham: uma reconstrução. 2001. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

8.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr; SANTOS, Luiz Henrique Lopes dos. Participação em banca de Carlos Eduardo de Oliveira. Intuição e verdade em Guilherme de Ockham. Sobre a notícia evidente na Primeira Questão do Prólogo da 'Ordinatio'. 1999. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

9.
CHAUÍ, Marilena; ESTÊVÃO, José Carlos; GUERRERO, Rafael Ramón. Participação em banca de Rosalie Helena de Souza Pereira. A viagem da alma. Sobre o 'Hayyn ibn Yaqzân' de Avicena. 1997. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de São Paulo.

10.
LEOPOLDO E SILVA, Franklin; ESTÊVÃO, José Carlos; CHAUÍ, Marilena. Participação em banca de Luís César Guimarães Oliva. A noção de graça na obra de Pascal. 1996.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
ESTÊVÃO, José Carlos. UERJ - Concurso para provimento de cargo de Professor, área de História da Filosofia Medieval. 2010. Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
ESTÊVÃO, José Carlos. UFU - Concurso para provimento de cargo de Professor, área de História da Filosofia Medieval. 2008. Universidade Federal de Uberlândia.

3.
ESTÊVÃO, José Carlos. UEL - Concurso para provimento de cargo de Professor, área de História da Filosofia Medieval. 2006. Universidade Estadual de Londrina.

4.
ESTÊVÃO, José Carlos. UNESP - Concurso de efetivação para Professor Doutor de História da Filosofia. 2005. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

5.
ESTÊVÃO, José Carlos. USP - Concurso para provimento de cargo de Professor, área de História da Filosofia Medieval. 2003. Universidade de São Paulo.

6.
ESTÊVÃO, José Carlos. USP - Processo seletivo para contratação de Prof. Substituto, disciplina de Teoria Política. 2003. Universidade de São Paulo.

7.
ESTÊVÃO, José Carlos. UEM - Concurso para provimento de cargo de Professor, área de História da Filosofia. 2000. Universidade Estadual de Londrina.

8.
ESTÊVÃO, José Carlos. UNICAMP - Concurso de efetivação no cargo de Professor Doutor, área de História da Filosofia. 1999. Universidade Estadual de Campinas.

9.
ESTÊVÃO, José Carlos. USP - Concurso para provimento de cargo de Professor, área de História da Filosofia Medieval. 1997. Universidade de São Paulo.

10.
ESTÊVÃO, José Carlos. UFBA - Concurso para provimento de cargo de Professor, área de História da Filosofia. 1997. Universidade Federal da Bahia.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Conferências CEPAME. Pascale Bermon: Aimer Dieu même sans Dieu: le fondement de l'étique selon Grégorie de Rimini (USP). 2018. (Seminário).

2.
Connaissance et philosophie pratique au Moyen Âge. Jornada de História da Filosofia Medieval. CEPAME (USP). 2018. (Encontro).

3.
Ciclo de Conferências do CEPAME: 25 anos (USP). 2017. (Encontro).

4.
Conferências do Grupo de Estudos sobre Agostinho - GESA / CEPAME (UFABC).- Debatedor de Moacyr Novaes, As 'Confissões' de Agostinho: uma proposta de trabalho. 2016. (Encontro).

5.
VI Colóquio de Filosofia da UFLA.- O batismo de Aristóteles: metafísica e teologia em Tomás de Aquino. 2016. (Encontro).

6.
II Encontro de Filosofia da Bahia (UFBA). Sobre a recepção dos antigos na filosofia medieval. Mesa-redonda com Fátima Évora e Marco Aurélio de Oliveira.- Nicolau Trevet, um comentador de Agostinho no Século XIII. 2015. (Encontro).

7.
XI Colóquio de História da Filosofia Medieval. Filosofia Prática no Pensamento Medieval. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga / CEPAME (USP).- Mediador de sessões. 2015. (Encontro).

8.
IV Colóquio de Filosofia da UFLA.- Sobre o argumento de Anselmo e o que não se pode pensar. 2014. (Encontro).

9.
III Encontro Acadêmico de Gestão da Pós-Graduação. Seminário de Avaliação da Pós-Graduação (Pró-Reitoria de Pós-Graduação - USP).- Grupo de Trabalho com Adriana Schor, Marcelo Cândido da Silva e Luis A. B. Venturi. 2013. (Encontro).

10.
Colóquio CEPAME: 20 Anos (USP).- Apresentação Inicial. 2012. (Encontro).

11.
Conferências CEPAME. Joël Biard et Cristophe Gréllard: Connaissance de l'universel et connaissance du singulier: le problème des universaux comme problème épistémologique chez Jean Buridan (USP). 2012. (Seminário).

12.
Seminário CEPAME. Realidade e conhecimento na Idade Média (USP).- Mediador de sessões. 2012. (Encontro).

13.
X Colóquio de História da Filosofia Medieval. Linguagem e Verdade na Filosofia Medieval. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga (UFBA).- Mediador de sessões. 2012. (Encontro).

14.
XV Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Curitiba. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga.- Mediador de sessões. 2012. (Encontro).

15.
II Encontro de Pesquisa na Graduação em Filosofia da UFSCar.- Conferência de Abertura: Guilherme de Ockham e a ruptura da tradição política medieval. 2011. (Encontro).

16.
III Colóquio Justiça, Virtude e Democracia (UFPR).- Debatedor de Fernando Matos, 'Nietzsche e a democracia'. 2011. (Encontro).

17.
Conferências CEPAME. Valéria A. Buffon: Intuición del Primer principio y felicidad: en la encrucijada de la ética y la teoría del conocimiento (USP).- Mediador. 2010. (Seminário).

18.
V Colóquio Empirismo, Fenomenologia e Gramática (UFBA).- Conferência de Abertura: Conhecimento do indivíduo e experiência em Guilherme de Ockham. 2010. (Encontro).

19.
VIII Colóquio de História da Filosofia Medieval. Teorias da Predicação na Filosofia Medieval. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga (UFRJ).- Moderador de sessões. 2010. (Encontro).

20.
XIV Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga.- Mediador de sessões. 2010. (Encontro).

21.
Colóquio Filosofia e Ciências (UFBA).- A teologia como ciência na Idade Média. 2009. (Encontro).

22.
Conferências CEPAME. Aurélien Robert: La connaissance des substances matérielles aux siècles XIIIe et XIVe. (USP). 2009. (Seminário).

23.
Conferências CEPAME. Irène Rosier-Catach: Nouvelles recherches sur les origines de la querelle des universaux à l'époque pré-Abélard (USP).- Mediador. 2009. (Seminário).

24.
II Colóquio Justiça, Virtude e Democracia (UFSCar).- Debatedor de Luís Repa, 'Sobre a gênese lógica do sistema dos direitos fundamentais em Habermas'. 2009. (Encontro).

25.
II Simpósio de Filosofia do Centro Universitário São Camilo.- Fé e razão: contradição ou cooperação?. Mesa-redonda com Cristiane N. A. Ayoub. 2009. (Encontro).

26.
Seminário CEPAME. Kristina Mitalaité: Les Libri Carolini et la pensée aniconique au haut Moyen Âge: ses causes et ses avatars (USP).- Mediador. 2009. (Seminário).

27.
Seminário FiCeM - Filosofia Crítica e Modernidade (USP).- Animal político ou lobo do homem? O Hobbes contra Aristóteles de Yara Frateschi. 2009. (Seminário).

28.
Simpósio Filosofia e Práticas Curriculares (UFSM).- Podemos ensinar Filosofia?. 2009. (Simpósio).

29.
XIII Encontro Nacional de Pesquisa na Graduação em Filosofia da USP.- Aula: Heloísa e Abelardo. 2009. (Encontro).

30.
31. Seminário CEPAME. Antoine Côté: Sur les théories de l'abstraction: Jacques de Viterbe, Gilles de Rome et Duns Scot (USP). 2008. (Seminário).

31.
IV Congresso de Ética e Cidadania (Mackenzie). - Filosofia e cristianismo. Mesa-redonda com Merold Westphal e Davi Charles Gomes. 2008. (Congresso).

32.
IV Colóquio 'Interioridade, subjetividade e discursividade' (UFSCar / USP).- Mediador de sessões. 2007. (Encontro).

33.
O Prazer do Texo, III (UFBA).- Conferência: Para ler Abelardo e Heloísa. 2007. (Encontro).

34.
Seminário CEPAME. Jean-Baptiste Brenet: Averroès et la question de la certitude de soi (USP-COFECUB). 2007. (Seminário).

35.
III Colóquio 'Interioridade, subjetividade e discursividade' (UFSCar / USP).- Mediador de sessões.. 2006. (Encontro).

36.
III Seminário Multidisciplinar Antigüidade Tardia / Idade Média: Gênero, Narrativa e Autoridade (UNICAMP).- Os sermões de Agostinho sobre a queda de Roma. Mesa-redonda com Moacyr Novaes e Elaine Sartorelli. 2006. (Seminário).

37.
IV Colóquio de História da Filosofia Medieval. A Noção de Ideia na Filosofia Medieval. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga (USP).- Mediador de sessões. 2006. (Encontro).

38.
IX Encontro de Pesquisa em Filosofia na Graduação da USP.- Conferência de Abertura: Sobre a essência em Tomás de Aquino. 2006. (Encontro).

39.
Seminário CEPAME. Christophe Grellard: Jean de Salisbury et la renaissance médiévale du scepticisme (USP-COFECUB). 2006. (Seminário).

40.
XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Salvador. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga.- Mediador de sessões. 2006. (Encontro).

41.
Colóquio Virtude, Justiça, Democracia (UFBA).- Da intelecção à intuição. O conhecimento do individual como premissa da ruptura com a política aristotélica. 2005. (Encontro).

42.
II Colóquio 'Interioridade, subjetividade e discursividade' (UFSCar / USP).- Mediador de sessões. 2005. (Encontro).

43.
II Seminário Multidisciplinar Antigüidade Tardia / Idade Média: Fórmulas e Gêneros Narrativos (USP).- Mediador de sessões. 2005. (Seminário).

44.
IV Colóquio de História da Filosofia da Natureza: Contingência, necessidade e teleologia (UNICAMP).- Debatedor de Alfredo Storck e Márcio Damin na Mesa-redonda 'Teleologia natural em Tomás de Aquino e Tomás Bradwardine'. 2005. (Encontro).

45.
IX Encontro de Pesquisa em Filosofia na Graduação da UNICAMP.- Conferência de Abertura: A tradição de formação escolar. Alberto Magno e Tomás de Aquino: um caso arquetípico?. 2005. (Encontro).

46.
I Colóquio 'Interioridade, subjetividade e discursividade' (UFSCar / USP).- Debatedor de Alfredo Storck e Moacyr Novaes na Mesa-redonda 'Agostinho / Avicena'. 2004. (Encontro).

47.
Seminário Multidisciplinar Antigüidade Tardia / Idade Média: Continuidade e Ruptura (USP).- Mediador de sessões. 2004. (Seminário).

48.
I Colóquio de História da Filosofia Medieval. Os debates medievais acerca da eternidade do mundo. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga (UFRGS).- A crítica de Pedro Abelardo ao agostinismo. 2003. (Encontro).

49.
Seminário sobre a História da Difusão Científica (USP). Mesa-redonda com Benjamin de Souza Netto e Michel Patty.- Tomás de Aquino e a recepção da ciência aristotélica. 2003. (Seminário).

50.
XXVII Jornada de Filosofia da UNESP: História da Filosofia Antiga e Medieval. Mesa-redonda com Moacyr Novaes e Paulo R. Martines.- Críticas de Guilherme de Ockham às provas da existência de Deus. 2003. (Encontro).

51.
Seminário CEPAME. Isabelle Koch: Sur la notion d'image chez Plotin et saint Augustin (USP). 2002. (Seminário).

52.
X Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. São Paulo. GT História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga.- Mediador de sessões. 2002. (Encontro).

53.
V Encontro de Pesquisa em Filosofia na Graduação da USP.- Conferência de Abertura: Rupturas na Idade Média: novas possibilidades da Filosofia Política. 2001. (Encontro).

54.
I Semana de Filosofia da Universidade Mackenzie. Mesa-redonda com João Vergílio Cuter e Ney Branco.- A 'querela' dos universais. 2000. (Encontro).

55.
IX Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Mesa-redonda com Guy Hamelin, Lorenzo Mammi e Moacyr Novaes.- Limites do aristotelismo de Guilherme de Ockham. 2000. (Encontro).

56.
Primeira Jornada de Estudos de Kierkegaard (USP).- Mediador de sessões. 2000. (Encontro).

57.
Séminaire Frédérique Ildefonse et Isabelle Koch: L'Antiquité grecque et l'Antiquité tardive: l'histoire de l'intériorité et de la constitution de soi (USP-COFECUB). 2000. (Seminário).

58.
Colóquio CEPAME. História da Filosofia Patrística e Medieval (USP).- Mediador de sessões. 1999. (Encontro).

59.
I Congresso de Teologia do Instituto Teológico Pio XII. A questão de Deus no mundo contemporâneo.- Mesa-redonda com João Steiner e Carlos Josaphat. 1999. (Encontro).

60.
Seminário do Grupo de História e Filosofia das Ciências (UNESP, Bauru).- Sobre a navalha de Ockham. Mesa-redonda com Marcelo Carbone Carneiro. 1998. (Seminário).

61.
VIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Mesa-redonda com Carlos Arthur R. Nascimento.- Guilherme de Ockham, leitor de Tomás de Aquino. 1998. (Encontro).

62.
XXVIII Semana de Filosofia da UnB.- Conferência: A leitura medieval de Aristóteles e a lógica de Guilherme de Ockham. 1998. (Encontro).

63.
Ciclo de Debates CEPAME. Gregorio Piaia, Perché studiare la filosofia medievale? (PUC-SP / UNICAMP / USP).- Mediador de sessões. 1997. (Encontro).

64.
Colóquio CEPAME. Agostinho: 1600 anos das 'Confissões' (USP).- Mediador de sessões. 1997. (Encontro).

65.
Seminário Guilherme de Ockham (PUC-RS).- Liberdade e presciência divina em Guilherme de Ockham. 1997. (Seminário).

66.
X Colóquio de História da Ciência do CLE: Universalidade, racionalidade e progresso na ciência (UNICAMP).- A crítica de Guilherme de Ockham à teologia como ciência. 1997. (Encontro).

67.
Colóquio CEPAME. Doxografia e História (PUC-SP / USP).- Mediador de sessões. 1996. (Encontro).

68.
VII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Mesa-redonda com Carlos Arthur R. Nascimento e César R. Cezar.- Da onipotência divina em Guilherme de Ockham: sobre as Distinções 42 a 44 da 'Ordinatio'. 1996. (Encontro).

69.
V Colóquio Internacional de Filosofia Medieval. Comissão Nacional de Filosofia Medieval (PUC-RS / UNICAMP).- Mediador de sessões. 1995. (Encontro).

70.
Ciclo de Conferências CEPAME (PUC-SP / USP).- Mediador de sessões. 1994. (Encontro).

71.
Colóquio CEPAME. Tempo Histórico: Historicidades e História (PUC-SP / USP).- Mediador de sessões. 1994. (Encontro).

72.
Colóquio CEPAME. Tempo Lógico: Futuros Contingentes (PUC-SP / USP).- Mediador de Mesa-redonda de Carlos Arthur R. Nascimento, Francisco Bertelloni e Luiz A. de Boni. 1994. (Encontro).

73.
VI Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Mesa-redonda com Carlos Arthur R. Nascimento e Luiz A. de Boni.- Limites do conhecimento em Guilherme de Ockham. 1994. (Encontro).

74.
Colóquio CEPAME. Prudência, Consciência Moral (UNICAMP).- Conferência: A ética da intenção de Pedro Abelardo. 1993. (Encontro).

75.
III Semana de Filosofia da UFU.- Conferência: A tradição nominalista medieval. 1993. (Encontro).

76.
IV Encontro de Filosofia Medieval (PUC-RS).- Sobre o 'dictum propositionis' em Pedro Abelardo e alguns problemas de abordagem. 1993. (Encontro).

77.
Revisitando o Pensamento do Século XVII (Simpósio Nacional da Associação de Estudos Filosóficos do Século XVII, USP). Mesa-redonda 'O legado medieval no Século XVII', com Carlos Arthur R. Nascimento e Moacyr Novaes.- Medievais, Modernos: o erro dos sentidos e o sonho (o argumento do homem morto). 1993. (Simpósio).

78.
Colóquio Benedetto Croce e a Liberdade (USP).- Debatedor de Remo Bodei. 1992. (Encontro).

79.
Colóquio CEPAME. Crítica das Formas Substanciais (PUC-SP / USP).- Mediador de sessões. 1992. (Encontro).

80.
V Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, Diamantina. Mesa-redonda com Moacyr Novaes e Floriano Jonas César.- Consciência e teologia em Pedro Abelardo. 1992. (Encontro).

81.
IV Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. Rio de Janeiro.- O indivíduo na ética de Pedro Abelardo. 1990. (Encontro).

82.
Colóquio Internacional Rosa Luxemburg. Mesa-redonda com Isabel Loureiro.- A velhice da toupeira. 1989. (Encontro).

83.
Seminário Sobre a contradição (UFRGS).- Guilherme de Ockham e os 'insolubilia'. 1988. (Seminário).

84.
Um Passado Revisitado: 80 anos do Curso de Filosofia da PUC-SP.-. 1988. (Encontro).

85.
Semana de Filosofia da PUC-SP. Mesa-redonda 'Estado de coisas, status rei, Sachverhalt', com Arley Moreno.- Sobre a noção de 'status rei' em Pedro Abelardo. 1983. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ESTÊVÃO, José Carlos; PAIVA, Gustavo B. V. . Greti Dinkova-Bruun, Seminar Series in Advanced Latin Palaeography (USP / São Bento). 2015. (Outro).

2.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; AYOUB, Cristiane N. A. ; OLIVEIRA, Carlos Eduardo . XI Colóquio de História da Filosofia Medieval. Filosofia Prática no Pensamento Medieval (USP). 2015. (Outro).

3.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; AYOUB, Cristiane N. A. ; OLIVEIRA, Carlos Eduardo . Conferências CEPAME: Allan D. Fitzgerald e Calvin Normore (USP). 2013. (Outro).

4.
ESTÊVÃO, José Carlos; PAIVA, Gustavo B. V. . Greti Dinkova-Bruun, Seminar Series on Latin Palaeography (USP). 2012. (Outro).

5.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; ABBUD, Cristiane Negreiros ; OLIVEIRA, Carlos Eduardo . Colóquio CEPAME: 20 Anos (USP - UFABC - UFSCar). 2012. (Outro).

6.
ESTÊVÃO, José Carlos; LIMA, Arthur K. ; PAIVA, Gustavo B. V. ; SCHOLZ, André B. . Seminário CEPAME. Realidade e Conhecimento na Idade Média (USP). 2012. (Outro).

7.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; AYOUB, Cristiane N. A. ; OLIVEIRA, Carlos Eduardo . I Seminário CEPAME na UFABC. 2012. (Outro).

8.
ESTÊVÃO, José Carlos; MAMMÌ, Lorenzo ; OLIVEIRA, Carlos Eduardo ; PAIVA, Gustavo B. V. . Seminários de Kristina Mitalaité, Les Libri Carolini et la pensée aniconique au haut Moyen Âge: ses causes et ses avatars (USP). 2009. (Outro).

9.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; ALMEIDA, Néri B. ; AMOROSO, Marta ; MARTINHO, Marco ; SILVA, Marcelo Cândido . III Seminário Multidiscipliar Antigüidade Tardia / Idade Média: Gênero, Narrativa e Autoridade (UNICAMP). 2006. (Outro).

10.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; ALMEIDA, Néri B. ; AMOROSO, Marta ; MARTINHO, Marco ; SILVA, Marcelo Cândido . II Seminário Multidisciplinar Antigüidade Tardia / Idade Média: Fórmulas e Gêneros Narrativos (USP). 2005. (Outro).

11.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; ALMEIDA, Néri B. ; AMOROSO, Marta ; MARTINHO, Marco ; SILVA, Marcelo Cândido . Seminário Multidisciplinar Antigüidade Tardia / Idade Média: Continuidade e Ruptura (USP). 2004. (Outro).

12.
ESTÊVÃO, José Carlos; GOUVEA, Ricardo Q. . Primeira Jornada de Estudos de Kierkegaard (USP). 2000. (Outro).

13.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr . Colóquio CEPAME. História da Filosofia Patrística e Medieval (USP). 1999. (Outro).

14.
ESTÊVÃO, José Carlos; ÉVORA, Fátima ; GIACOIA, Oswaldo . VIII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF. 1998. (Outro).

15.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; LEOPOLDO E SILVA, Franklin ; MAMMÌ, Lorenzo . Colóquio CEPAME. Agostinho: 1600 anos das 'Confissões' (USP). 1997. (Outro).

16.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr . II Ciclo de Conferências CEPAME (PUC-SP / USP). 1997. (Outro).

17.
ESTÊVÃO, José Carlos. I Encontro de Pesquisa na Graduação em Filosofia. Programa de Iniciação Científica do Departamento de Filosofia da USP. 1997. (Outro).

18.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; NASCIMENTO, Carlos Arthur R . Colóquio CEPAME. Doxografia e História (PUC-SP / USP). 1996. (Outro).

19.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr . I Ciclo de Conferências CEPAME (PUC-SP). 1994. (Outro).

20.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; CUTER, João Vergílio Gallerani ; MAMMÌ, Lorenzo ; NASCIMENTO, Carlos Arthur R . Colóquio CEPAME. Tempo Lógico: Futuros Contingentes (PUC-SP / USP). 1994. (Outro).

21.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; MAMMÌ, Lorenzo . Colóquio CEPAME. Tempo Histórico: Historicidades e História (PUC-SP / USP). 1994. (Outro).

22.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; NASCIMENTO, Carlos Arthur R. . Colóquio CEPAME. Prudência, Consciência Moral (UNICAMP). 1993. (Outro).

23.
ESTÊVÃO, José Carlos; NASCIMENTO, Milton M. . Colóquio Benedetto Croce e a Liberdade (USP). 1992. (Outro).

24.
ESTÊVÃO, José Carlos; NOVAES, Moacyr ; NASCIMENTO, Carlos Arthur R . Colóquio CEPAME. Crítica das Formas Substanciais (PUC-SP / USP). 1992. (Outro).

25.
ESTÊVÃO, José Carlos; LOUREIRO, Isabel ; VIGEVANI, Tullo . Colóquio Internacional Rosa Luxemburg (UNESP). 1989. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Júlia Rodrigues Molinari. Sobre conhecimento e evidência em Guilherme de Ockham. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
André Botelho Scholz. Entre sentido e razão: um estudo sobre a ordenação do intelecto no 'Tratado das Intelecções' de Pedro Abelardo. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

2.
Adriano Martinho Correia da Silva. A latinização do vocabulário grego do ser em Boécio: sobre o 'De hebdomadibus'. 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

3.
Joel Pinheiro da Fonseca. A apreensão dos primeiros princípios da ética em Tomás de Aquino. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

4.
Robson Tadeu Muraro. Os limites da lei humana na 'Suma de Teologia' de Santo Tomás de Aquino. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

5.
Lessandro Regiani Costa. Sobre a verdade em Anselmo de Cantuária. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

6.
Érica Nishikawa. A defesa do Império na filosofia política de Marsílio de Pádua. 2004. 82 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

7.
Elígia Mitsue Hirano. A linguagem Loc: uma proposta de formalização para a linguagem ockhamiana. 2003. 132 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

8.
Carlos Eduardo de Oliveira. Intuição e verdade em Guilherme de Ockham. Sobre a notícia evidente na Primeira Questão do Prólogo da 'Ordinatio'. 2001. 242 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

9.
José Antônio Martins. A questão do intelecto possível em Tomás de Aquino: o 'Contra Averroístas'. 2001. 116 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

10.
Angelo Zanoni Ramos. A noção de justiça em 'A Cidade de Deus de Agostinho'. 1999. 187 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

11.
Andrei Ivánov. A cogitativa em Tomás de Aquino: predisposição do sensível para o intelecto. 1999. 86 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: José Carlos Estêvão.

Tese de doutorado
1.
Gustavo Barreto Vilhena de Paiva. O conhecimento abstrativo em Henrique de Gand (a. 1240-1293). 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

2.
Lessandro Regiani Costa. De Lanfranco a Anselmo. Sobre a dialética em teologia: o 'de grammatico' de Anselmo de Cantuária. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

3.
Jonas Moreira Madureira. O intelecto e a imaginação no conhecimento de Deus segundo Tomás de Aquino. Aristotelismo e neoplatonismo. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

4.
Carlos Eduardo de Oliveira. A realidade e seus signos: as proposições sobre o futuro contingente e a predestinação divina na lógica de Guilherme de Ockham. 2006. 245 f. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, . Orientador: José Carlos Estêvão.

5.
Sérgio Sklar. A 'Darstellung' freudiana: considerações sobre uma presentificação psíquica. 2004. 198 f. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

6.
Miguel Attie Filho. O intelecto no 'Kitab al-Nafs' de Ibn Sina (Avicena). 2004. 235 f. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

7.
Antonius Iraeo Escobar. Reflexões sobre 'Materialismo e Empiriocriticismo' de Lênin. 2003. 155 f. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: José Carlos Estêvão.

8.
Angelo Zanoni Ramos. Ciência e sabedoria em Agostinho de Hipona. Um estudo do 'De trinitate'. 2003. 312 f. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Gustavo Barreto Vilhena de Paiva. 2018. Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. José Carlos Estêvão.

Iniciação científica
1.
Júlia Rodrigues Molinari. Sobre o conhecimento intuitivo de não existentes em Guilherme de Ockham. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

2.
Gabriela Navarro Chagas Soares. Nicolau de Autrécourt: um ceticismo independente de intervenção divina e uma teoria do conhecimento. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

3.
Carolina Gonçalves de Vasconcelos Tomé. O problema da definição de alma como substância através das noções de matéria e forma no 'De anima' de Aristóteles. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Reitoria da USP. Orientador: José Carlos Estêvão.

4.
André Botelho Scholz. Gramática e lógica no exame das intelecções do 'Tractatus de intellectibus' de Pedro Abelardo. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

5.
Gustavo Barreto Vilhena de Paiva. Os conceitos de 'notitia intuitiua' e 'abstractiua', segundo João Duns Escoto, na questão VI das suas 'Questões quodlibetais'. 2011. Iniciação Científica - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

6.
Áureo Augusto Alonço Castanho. Sobre a noção de representação em Tomás de Aquino. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

7.
Felipe de Barros Oliveira. Sobre a 'primeira via' da prova da existência de Deus em Tomás de Aquino. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: José Carlos Estêvão.

8.
Lessandro Regiani Costa. Sobre o argumento único de Anselmo. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

9.
Adilson César Pedro da Silva. Sobre o argumento 'ontológico' em Anselmo. 2005. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: José Carlos Estêvão.

10.
Érica Nishikawa. O governante e o legislador no 'Defensor da Paz' de Marsílio de Pádua. 2000. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: José Carlos Estêvão.

11.
Eligia Mitsue Hirano. A noção de 'suppositio' na 'Suma de Lógica' de Guilherme de Ockham. 1999. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Faculdade de Filosofia Letras e Ciências Humanas da Usp. Orientador: José Carlos Estêvão.

12.
Flany Toledo. Sobre o silogismo científico em Aristóteles. 1998. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: José Carlos Estêvão.



Outras informações relevantes


Foi membro da Congregação da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP e das Comissões de Graduação, de Pós-Graduação e de Pesquisa. Coordenador do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE) e Presidente do Conselho da Biblioteca da Faculdade. Coordenador dos Programas de Iniciação Científica, de Pós-Graduação e de Pós-Doutorado do Departamento de Filosofia. Membro fundador do Centro de Estudos de Filosofia Patrística e Medieval de São Paulo (CEPAME), que desenvolve suas atividades, sem solução de continuidade, desde 1992 (http://cepame.fflch.usp.br/). Membro fundador, em 1999, do Grupo de Trabalho da ANPOF "História da Filosofia Medieval e a Recepção da Filosofia Antiga". Participante do Acordo USP/COFECUB "Teorias do conhecimento na Antiguidade Tardia e na Idade Média". Dentre um total de 21 auxílios à pesquisa e bolsas subsidiados pela FAPESP, foi Pesquisador Principal do Projeto Temático FAPESP "Interioridade, subjetividade e discursividade".



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/11/2018 às 24:53:54