Camila Cardoso de Mello Prando

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3572730036724559
  • Última atualização do currículo em 27/09/2018


Possui graduação em Direito pela Universidade Federal do Paraná (2000), mestrado em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003), doutorado em Direito penal Universidade Federal de Santa Catarina (2012), tendo realizado estágio doutoral (2010) no Departamento de História e Teoria do Direito da Università degli Studi di Firenze (UNIFI). Atualmente é professora adjunta de Criminologia e Direito penal dos Cursos de Graduação e Pós Graduação em Direito da Universidade de Brasília, Coordena o Centro de Estudos de Desigualdade e Discriminação (CEDD). Desenvolve atualmente os seguintes projetos de pesquisa: "Cartografias do campo: intersecções entre Criminologia e Feminismo"; "O saber criminológico e dogmático no Brasil: as narrativas dos juristas e modernidade penal brasileira"; "Representações raciais e de gênero nos Manuais de Direito Penal"; "O discurso do STF e o encarceramento no Brasil: uma análise retórica de decisões com impacto no sistema prisional". (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Camila Cardoso de Mello Prando
Nome em citações bibliográficas
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de Brasília, Faculdade de Direito.
AC UNB
Asa Norte
70904970 - Brasília, DF - Brasil
Telefone: (61) 31070710


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2012
Doutorado em Curso de Pós-Graduação em Direito- Mestrado e Doutorado.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
com período sanduíche em Università degli Studi di Firenze (Orientador: Emilio Santoro).
Título: O saber dos juristas e o controle penal: o debate doutrinário na Revista de Direito Penal (1933-1940) e a construção da legitimidade pela defesa social, Ano de obtenção: 2012.
Orientador: Vera Regina Pereira de Andrade.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2001 - 2003
Mestrado em Direito.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Sistema penal subterrâneo: o controle sócio-penal do trabalho escravo rural contemporâneo na Amazônia,Ano de Obtenção: 2003.
Orientador: Vera Regina Pereira de Andrade.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: criminologia crítica; trabalho escravo.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
1996 - 2000
Graduação em Direito.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.




Atuação Profissional



Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Adjunto III, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

06/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Direito, .

06/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Direito, .

02/2017 - 07/2017
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral de Direito Penal
Teatro Legislativo e Direito
08/2016 - 12/2016
Ensino, Programa de Pós Graduação em Direito, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Formação e Prática Docente
07/2016 - 12/2016
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral de Direito Penal
02/2016 - 07/2016
Ensino, Direito, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Criminologia Crítica na América Latina e Controle Penal Moderno
02/2016 - 07/2016
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral do Direito Penal
06/2014 - 02/2016
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Direito, Faculdade de Direito.

Atividade realizada
Tutoria do Programa de Educação Tutorial (PET/MEC).
07/2015 - 12/2015
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral de Direito Penal
Prática de Estagio
02/2015 - 07/2015
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral do Direito Penal
Prática de Estágio
08/2014 - 12/2014
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral do Direito Penal
Prática de Estagio
06/2014 - 12/2014
Extensão universitária , Faculdade de Direito, .

Atividade de extensão realizada
Universidade e Cárcere.
02/2014 - 06/2014
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral do Direito Penal
Prática de Estágio
02/2013 - 06/2013
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral do Direito Penal
Direito Penal II
06/2012 - 12/2012
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Geral do Direito Penal
Formação das Ciências Criminais no Brasil

Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda, CESUSC, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2008
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 25

Atividades

5/2006 - 5/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Consu, .

Cargo ou função
representante docente (suplente).
02/2004 - 12/2007
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Direito Penal I
Direito Penal II
08/2007 - 09/2007
Ensino, NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM CIÊNCIAS, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Teoria da Pena e Atuais Alternativas à Prisao

Universidade do Vale do Itajaí, UNIVALI, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2008
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 16

Atividades

02/2006 - 02/2008
Extensão universitária , Universidade do Vale do Itajaí, .

Atividade de extensão realizada
Coordenação do Núcleo de Execuções Penais.
02/2004 - 02/2008
Ensino, direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
criminologia
Direito Penal
09/2005 - 02/2006
Direção e administração, .

Cargo ou função
Coordenadora do Setor de Monografias do Curso de Direito, UNIVALI/São José..
06/2005 - 07/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, .

Cargo ou função
membro da Comissão Temporária de avaliação dos Projetos de Pesquisa do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Cientifica - PIBIC e do Programa de Bolsas de Iniciação Científica - ProBIC/2005..
05/2005 - 05/2005
Conselhos, Comissões e Consultoria, .

Cargo ou função
membro 'ad hoc' da Comissão de Avaliação dos Projetos de Pesquisa do art.170 da Universidade do Vale de Itajaí -UNIVALI, Campus VII.
02/2004 - 06/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, .

Cargo ou função
coordenação pedagógica dos Cursos de Direito, Ciência Política e Relações Internacionais.

Complexo de Ensino Superior do Brasil Ltda, CESB, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: professor colaborador, Carga horária: 6

Atividades

07/2003 - 12/2003
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Criminologia

Faculdades Campo Real, CESCARELI, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: professor assistente, Carga horária: 30

Atividades

02/2003 - 12/2003
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Direito Penal II
Criminologia
Ciência Política e Teoria Geral do Estado
02/2003 - 12/2003
Extensão universitária .

Atividade de extensão realizada
Projeto ação em comunidade.

Conselho de Direitos da Mulher do Distrito Federal, CDM, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Conselheira titular, Enquadramento Funcional: Conselheira


Rede Latino Americana de Justiça de Transição, RLAJT, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2018
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Coordenadora da Secretaria da RLAJT, Carga horária: 2



Linhas de pesquisa


1.
História e Controle Penal no Brasil

Objetivo: Objetivo geral: compreender o saber criminodogmático produzido por juristas no Brasil e seus efeitos na construção da modernidade do controle penal em diferentes momentos ao longo do século XX e inicio do século XXI. Objetivos específicos: a) compreender os diversos lugares do juristas ao longo da produção do direito penal; b) problematizar, no mesmo período, a dimensão política do direito penal e suas narrativas sobre pena, crime, e funções do controle penal; c) analisar as construções de gênero e raciais nas narrativas dos juristas nas ciências criminais.
2.
Criminologia e Epistemologias Feministas

Objetivo: Explorar as intersecções entre Feminismo e Criminologia em três dimensões: a) representatividade; b) agendas de pesquisa; c) impactos epistêmicos..


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Representações sociais de gênero e raça no discurso da doutrina penal
Descrição: A pesquisa objetiva analisar, por meio da análise do discurso crítica (ADC), as representações sociais de gênero e raça nos exemplos contidos em Manuais de Direito Penal..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Eduarda Toscani Gindri - Integrante / Ana Karoline Andrade de Freitas - Integrante / Cecilia Rosal - Integrante / Helena Rosal Silva - Integrante / Lucas Crunivel - Integrante.Número de orientações: 4
2017 - Atual
O discurso do STF e o encarceramento no Brasil: análise retórica de decisões com impacto no sistema prisional
Descrição: Identificar, a partir do método de análise retórica de decisões judiciais do Supremo Tribunal Federal, quais as características predominantes do discurso acerca de temas que tenham impacto sobre o sistema prisional no Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Isaac Costa Reis - Integrante / Victor Martins Pimenta - Integrante / Lauriane Matos da Rocha - Integrante / Nicolle Wagner da Silva Gonçalves - Integrante / Pedro Ribeiro Dornelas - Integrante.Número de orientações: 3
2016 - Atual
Justiça, Racismo e Seximo: dimensões da desigualdade nos sistemas de justiça do Brasil, dos EUA e da Colômbia, as estratégias de análise e de controle judicial
Descrição: Projeto de Pesquisa entre as Universidades de Tulane (EUA), Nacional (Colômbia) e a Universidade de Brasília (UnB) Programa de Desenvolvimento Acadêmico Abdias Nascimento Edital SECADI/CAPES nº 02/2014..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Cartografia do campo: intersecções entre Criminologia e Feminismo no Brasil
Descrição: O projeto de pesquisa pretende investigar as intersecções entre Criminologia e Feminismo em três dimensões: a) representatividade; b) agenda de pesquisa; c) impactos epistêmicos. Este objetivo será enfrentado por meio de um mapeamento de campo com uso de multimétodos, a fim de analisar os eventos promovidos na Criminologia, as teses e dissertações publicadas nos últimos 3 anos e a publicação de artigos em Revistas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (5) Doutorado: (3) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Marilia Denardin Burdó - Integrante / Ana Gabriela Braga - Integrante / Eduarda Toscani Gindri - Integrante / Isabella Miranda - Integrante / Clara Welma Florentino e Silva - Integrante / Fernanda Lima da Silva - Integrante.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2015 - 2017
Transição democrática no Brasil: gênero, raça e os mecanismos de Justiça de Transição
Descrição: Objetivo principal: mapear as análises teóricas bem como os mecanismos institucionais existentes de Justiça de Transição, e suas abordagens raciais e de gênero..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Ana Paula Duque - Integrante / Leidiane Fernandes Gomes - Integrante / Camila Crivilin de Almeida - Integrante / Manuela Azevedo Pedreira Melo - Integrante.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 4
2013 - Atual
O saber criminológico e dogmático no Brasil: narrativas dos juristas e a mordenidade penal brasileira
Descrição: Objetivo geral: compreender o saber criminodogmático produzido por juristas no Brasil e seus efeitos na construção da modernidade do controle penal em diferentes momentos ao longo do século XX e inicio do século XXI. Objetivos específicos: a) compreender os diversos lugares do juristas ao longo da produção do direito penal; b) problematizar, no mesmo período, a dimensão política do direito penal e suas narrativas sobre pena, crime, e funções do controle penal; c) analisar as construções de gênero e raciais nas narrativas dos juristas nas ciências criminais.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Eduarda Toscani Gindri - Integrante / Fernanda Lima da Silva - Integrante.
Número de produções C, T & A: 15 / Número de orientações: 8
2007 - 2008
A recepçao da Criminologia Positiva no Brasil
Descrição: O projeto tem como objetivo estudar a apropriaçao do debate criminológico italiano no fim do século XIX no Brasil..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Mario Davi Barbosa - Integrante / Gabriela Bechara - Integrante.Financiador(es): Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 1
2006 - 2007
Direito Penal do Inimigo: avaliação do modelo político criminal das decisões judiciais do Tribunal de Santa Catarina e da produção legislativa nacional
Descrição: A pesquisa tem os seguintes objetivos: discutir a aplicação das categorias do Direito Penal do Inimigo nas decisões do Tribunal de Justiça de Santa Catarina e nas legislações penai e processuais penais, sob a perspectiva teórica da Criminologia Crítica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador.Financiador(es): Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 3
2005 - 2007
Do Movimento de Lei e Ordem às Políticas Criminais Alternativas: os direcionamentos da produção legislativa nacional e as decisões do Tribunal de Justiça de Santa Catarina
Descrição: Este projeto de Pesquisa tem como objeto de estudos a produção jurisprudencial do Tribunal de Justiça de Santa Catarina, no período de 2000 a 2004, e dos projetos de lei de cunho penal e processual penal, no periodo de 1998 a 2002, apresentados no Congresso Nacional. O referencial teórico para análise destes objetos será a produção da Criminologia Crítica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Helena Favero - Integrante / maria de Fatima Tadeu - Integrante / Camila Petry - Integrante / Eliana Brissac - Integrante.Financiador(es): Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2004 - 2005
Políticas Criminais Alternativas, Teorias do Delito e Aplicação da Pena
Descrição: O Projeto tem como objetivo investigar as diversas políticas criminais (minimalistas, abolicionistas, garantista), a fim de compreender as possíveis fundamentações das teorias do delito e da pena..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Helena Favero - Integrante / maria de Fatima Tadeu - Integrante / Diogo Araujo - Integrante.Financiador(es): Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 3


Projetos de extensão


2014 - Atual
Universidade e Cárcere
Descrição: O projeto de extensão é desenvolvido no âmbito das atividades do PET-Direito, onde atuo como tutora. O projeto se desenvolve no sistema prisional feminino do Distrito Federal e tem como objetivo construir uma prática de comunicação entre os saberes da universidade e os saberes e experiências das mulheres encarceradas, tendo como ponto de partida a perspectiva de uma sociabilidade de sujeitos autônomos, reflexivos em interações menos assimétricas e violentas. São realizados encontros semanais em que o grupo propõe atividades a partir de temas trazidos pelas mulheres que estão encarceradas..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador.
2006 - 2008
Potencializando a Cidadania (Extensão e Grupo de Pesquisa)
Descrição: No Projeto Potencializando a Cidadania, desenvolve-se um programa no NEP (Núcleo de Execução Penal e Núcleo de Estudos Penais), que está compreendido em duas atividades básicas: 1. Projeto de Extensão. Iniciou-se o projeto com a perspectiva de acompanhamento processual na Peninciária São Pedro de Alcântara. Atualmente está sendo desenvolvido o projeto de realização de oficinas de discussão com adolescentes infratores e monitores do Educandário São Lucas, São José. 2. Grupo de Estudos: o Grupo de Pesquisa tem como objetivo realizar leitura crítica do texto Direito e Razão, de Luigi Ferrajoli..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Camila Cardoso de Mello Prando - Coordenador / Michel Sandes Melo - Integrante / Valmor Cella - Integrante.Financiador(es): Universidade do Vale do Itajaí - Remuneração.
Número de produções C, T & A: 3


Membro de corpo editorial


2017 - Atual
Periódico: International Journal for Crime, Justice and Social Democracy
2015 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Direito Constitucional Aplicado
2011 - Atual
Periódico: Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM


Revisor de periódico


2016 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Ciências Criminais
2015 - Atual
Periódico: Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: Direito Público/Especialidade: Direito Penal.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito.
3.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: criminologia.
4.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Direito / Subárea: história do direito.


Idiomas


Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2017
Senior Fellow Scholarship in Souther Criminology, Crime and Justice Research Centre, School of Justice, Faculty of Law.
2007
Melhor Artigo apresentado no 1 Congresso Brasileiro de Criminologia e Política Criminal, IBCCrim.
2003
Aprovação no processo seletivo de contratação de professor substituto, UFSC.
2000
Professor Ivan Ordine Righi, UFPR.
2000
Professor Laertes Munhoz, UFPR.
2000
Professor José Francisco Ferreira Muniz, UFPR.
1999
EVINCI, Universidade Federal do Paraná.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2018PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO. A Criminologia Crítica no Brasil e os estudos críticos sobre branquidade. REVISTA DIREITO E PRÁXIS, v. 9, p. 70-84, 2018.

2.
PRANDO, C. C. M.2018PRANDO, C. C. M.; LOPES, J. A. ; SANTOS, T. N. S. . Extensão universitária no cárcere como uma experiência de pedagogia feminista anticolonial. INSURGÊNCIA: REVISTA DE DIREITOS E MOVIMENTOS SOCIAIS, v. 3, p. 373, 2018.

3.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2017PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO; LIMA, R. E. . A primeira fase da dosimetria penal: entre os dados da seletividade do controle penal e a realização do princípio da estrita legalidade. REVISTA BRASILEIRA DE CIÊNCIAS CRIMINAIS, v. 136, p. 15-34, 2017.

4.
PRANDO, C. C. M.2017PRANDO, C. C. M.; RIBEIRO, G. H. V. P. . Medo, impunidade, lei e jurisprudência: uma análise retórica do HC 123.108/MG. REVISTA DE ESTUDOS CRIMINAIS, v. 16, p. 137, 2017.

5.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2016PRANDO, C. C. M.. O que veem as mulheres quando o direito as olha? Reflexões sobre as possibilidades e os alcances da intervenção do direito nos casos de violência doméstica. Revista de Estudos Criminais, v. 60, p. 115-142, 2016.

6.
BRAGA, A. G.2016BRAGA, A. G. ; PRANDO, C. C. M. . Práticas pedagógicas feministas e criminologia crítica: liberdade, transgressão e educação. Boletim IBCCRIM, v. 280, p. 18-19, 2016.

7.
ESTEVES CALAZANS, M.2016ESTEVES CALAZANS, M. ; DUARTE, E. P. ; PRANDO, C. C. M. ; CAPPI, R. . Criminologia Crítica e Questão Racial. Caderno do Ceas Revista Crítica de Humanidades, v. 238, p. 450-463, 2016.

8.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2016PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO; DUQUE, ANA PAULA DEL VIEIRA . Direito como tecnologia de gênero: a tortura contra as mulheres nos inquéritos militares (1964-1979). Universitas Jus, v. 27, p. 57-65, 2016.

9.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2015PRANDO, C. C. M.. Documentário ?Sem Pena? leva análise do sistema penal para além de seus muros. Consultor Jurídico (São Paulo. Online), v. 1, p. -, 2015.

10.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2015PRANDO, C. C. M.. O funcionamento das máquinas de tortura: sobre a justiça das penas de prisão. Uma análise a partir do documentário Sem/Pena. Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM, v. 10, p. 371-387, 2015.

11.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2012PRANDO, C. C. M.; BARBOSA, Mario Davi . Homens de sciencia e a desigualdade como desafio: a apropriação da criminologia em Tobias Barreto. Discursos Sediciosos (Rio de Janeiro), v. 19/20, p. 169-184, 2012.

12.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2012PRANDO, C. C. M.. Sobre a paz e o estatuto do desarmamento. Discursos Sediciosos (Rio de Janeiro), v. 19/20, p. 437-446, 2012.

13.
CARVALHO, T. F.2009CARVALHO, T. F. ; PRANDO, C. C. M. . O Sistema penal e as versões do pluralismo jurídico no Brasil. Revista de Estudos Criminais, v. 35, p. x-x, 2009.

14.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2008 PRANDO, C. C. M.. Orientação Político Criminal do Estado Brasileiro: uma análise de leis promulgadas no período de 1998 a 2002. Revista de Estudos Criminais, v. 31, p. ---, 2008.

15.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2007 PRANDO, C. C. M.. A contribuição do discurso criminológico latino-americano para a compreensão do controle punitivo moderno: controle penal na América Latina. Veredas do Direito (Belo Horizonte), v. 3, p. 77-94, 2007.

16.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2007PRANDO, C. C. M.. Sobre a paz e o estatuto desarmamento. Novos Estudos Jurídicos, v. XII, p. 1-2, 2007.

17.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2006 PRANDO, C. C. M.. Sistema Penal Subterrâneo: o Caso do Trabalho Escravo Contemporâneo na Amazônia. Revista de Estudos Criminais, Porto Alegre, v. 22, p. ---, 2006.

18.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2006PRANDO, C. C. M.. Sobre a paz e o Estatuto do Desarmamento. Âmbito Jurídico, v. n.33, p. 33, 2006.

19.
PRANDO, C. C. M.;PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2006PRANDO, C. C. M.. Contribuições do pensamento de Hannah Arendt para a construção dos sentidos sobre violência (resenha). Novos Estudos Jurídicos, v. 2, p. 387-391, 2006.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
PRANDO, C. C. M.; RIBEIRO, D. C. (Org.) ; STAFEN, M.R. (Org.) . Direito Penal e Constituição [Recurso eletrônico online]. 1. ed. Florianópolis: CONPEDI, 2016. v. 1. 100p .

2.
PRANDO, C. C. M.. O saber dos juristas e o controle penal: o debate doutrinário na Revista de Direito Penal (1933-1940) e a construção da legitimidade pela defesa social. 1. ed. Rio de Janeiro: Revan, 2013. v. 1. 285p .

Capítulos de livros publicados
1.
SOUZA, L. C. ; CAMPOS, F. O. ; PRANDO, C. C. M. ; SILVA, R. B. ; REZENDE, V. M. . A criminalização de Rafael Braga: notas sobre a seletividade racializada e a cidade revanchista. In: Viviane de Melo Rezende; Rosimeire Barboza da Silva. (Org.). Diálogos sobre resistência: organização coletiva e produção do conhecimento engajado. 1ed.São Paulo: Pontes Editores, 2017, v. 1, p. 31-57.

2.
REZENDE, B. V. R. G. ; PRANDO, C. C. M. . Algo além do rito do processo do impeachment. In: Carol Proner; Gisele Cittadino; Marcio Tenenbaum; Wilson Ramos Filho. (Org.). A resistência ao golpe de 2016. 1ed.Bauru: Canal 6, 2016, v. 1, p. 53-56.

3.
PRANDO, C. C. M.. O funcionamento das máquinas de tortura: sobre a justiça das penas de prisão. In: Bruno Machado Amaral; Cristina Zackzeski; Evando Piza Duarte. (Org.). Criminologia e Cinema: Narrativas sobre a violência. 1ed.São Paulo: Marcial Pons, 2016, v. 1, p. 0-0.

4.
PRANDO, C. C. M.; COSTA, A. C. V. R. . A contravenção penal de vadiagem no Rio de Janeiro (1900-1940): legalismo e prevencionismo nas decisões penais.. In: Giscard Farias Agra; Ricardo Marcelo Fonseca; Gustavo Silveira Siqueira. (Org.). História do Direito Penal I. 1ed.: CONPEDI, 2014, v. I, p. 165-191.

5.
PRANDO, C. C. M.. Uma proposta de leitura abolicionista: onde Louk Hulsman e Alessandro Baratta se encontram. In: Nilo Batista; Ester Kosovski. (Org.). Tributo a Louk Hulsman. 1ed.Rio de Janeiro: Revan, 2012, v. 1, p. 125-150.

6.
PRANDO, C. C. M.. O defensivismo social no debate penal brasileiro. XIX Congresso Nacional do CONPEDI. 1ed.Florianópolis: Fundação Boiteux, 2010, v. 1, p. 1912-1927.

7.
PRANDO, C. C. M.. A produção cultural das Revistas: estudo preliminar da Revista de Direito Penal (1933-1936) como fonte de interpretação. XIX Congresso Nacional do CONPEDI. 1ed.Florianópolis: Fundação Boiteux, 2010, v. 1, p. 8951-8964.

8.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D. . Porque estudar criminologia hoje? Apontamentos sobre um discurso contra-hegemônico à dogmática penal tradicional. In: CERQUEIRA, Daniel Torres de. (Org.). Ensino jurídico em debate: o papel das propedêuticas na formação dos juristas. São Paulo: Millenium, 2006, v. , p. -.

9.
PRANDO, C. C. M.; PRANDO, Felipe Cardoso de Mello . Criminalização da Exclusão Social: um estudo da política repressiva contra os trabalhadores rurais sem terra no Estado do Paraná. In: Vera Regina Pereira de Andrade. (Org.). Verso e Reverso do Controle Penal: (des) aprisionando a cultura punitiva.. 1ed.Florianópolis: Fundação Boiteux, 2002, v. 2, p. -.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO; FREITAS, F. S. ; ABATH, M. . as asa de moro. Emporio do Direito, 23 abr. 2018.

2.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO. O caso do ônibus e a seletividade dos penalistas. Empório do Direito, 02 set. 2017.

3.
REZENDE, B. V. R. G. ; PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO . Algo além do rito do processo de impeachment. Empório do Direito, 27 abr. 2016.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
TORRES, F. M. ; SOUZA, Ladyane ; PRANDO, C. C. M. . Encarceramento e controle sobre o corpo feminino: reflexões sobre a violência estatal. In: Congresso de Criminologia(s): crítica (s), minimalismo (s) e abolicionismo (s)., 2015, João Pessoa. Anais do I Congresso de Criminologia(s): crítica(s), minimalismo(s) e abolicionismo(s). Porto Alegre: EDIPUCRS, 2015. v. 1.

2.
SANTOS, T. N. S. ; LOPES, J. A. ; PRANDO, C. C. M. . Projeto ?Diálogos no Cárcere?: extensão universitária como resistência pedagógica e ferramenta de crítica criminológica na penitenciária feminina do DF. In: Congresso de Criminologia(s): crítica (s), minimalismo (s) e abolicionismo (s)., 2015, João Pessoa. Anais do I Congresso de Criminologia(s): crítica(s), minimalismo(s) e abolicionismo(s). Porto Alegre: EDIPUCRS, 2015. v. 1.

3.
NASCIMENTO, G. M. ; SOUZA, E. J. D. ; PRANDO, C. C. M. . Controle do Sistema Penal sobre o espaço: o processo de construção do local suspeito através de uma filtragem racial. In: Congresso de Criminologia(s): crítica (s), minimalismo (s) e abolicionismo (s)., 2015, João Pessoa. Anais do I Congresso de Criminologia(s): crítica(s), minimalismo(s) e abolicionismo(s). Porto Alegre: EDIPUCRS, 2015. v. 1.

4.
PRANDO, C. C. M.. Apontamentos iniciais sobre o ambiente cultural da produção do pensamento criminológico na Revista de Direito Penal (1933-1937). In: V Congresso Brasileiro de História do Direito, 2013, Curitiba. Anais dos Grupos de Trabalho do V Congresso Brasileiro de HIstória do Direito. Curitiba: IBHD, 2011. v. 1. p. 614-620.

5.
PRANDO, C. C. M.. A construção do modelo punitivo de defesa social e a cultura jurídico-penal de 1930. In: II Seminário Nacional Sociologia e Política: Tendências e Desafios Contemporâneos, 2010, Curitiba. Seminário Nacional Sociologia e Política (Online), 2010.

6.
PRANDO, C. C. M.. A produção cultural das Revistas: estudo preliminar da Revista de Direito Penal (1933-1936) como fonte de interpretação. In: XIX Congresso Nacional do CONPEDI, 2010, FLorianópolis. Anais do XIX Congresso Nacional do CONPEDI. Florianópolis: Fundação Boiteux, 2010. p. 8951-8964.

7.
PRANDO, C. C. M.. O defensivismo social no debate penal brasileiro nos anos 1930. In: XIX Congresso Nacional do CONPEDI, 2010, Florianópolis. Anais do XIX Congresso Nacional CONPEDI. Florianópolis: Fundação Boiteux, 2010. p. 1912-1927.

8.
PRANDO, C. C. M.. A cultura jurídica das Revistas: a Revista de Direito Penal (1933-1936) como fonte de interpretação. In: Ordenamentos Jurídicos e Dimensão da Justiça na experiência moderna e contemporânea: diálogo entre História Direito e Criminologia, 2010, Florianópolis. Ordenamentos Jurídicos e a Dimensão da Justiça na experiência jurídica moderna e contemporânea: diálogo entre História Direito e Criminologia. Florianópolis: Fundação Boiteux, 2010. p. 106-116.

9.
PRANDO, C. C. M.. Formação do sistema penal latino-americano e a hipótese do sistema penal subterrâneo. In: II Encontro Anual do Instituto Brasileiro de Historia do Direito, 2006, Niterói. A pesquisa em História do Direito: práticas historiográficas e campo jurídico, 2006.

10.
PRANDO, C. C. M.. Um caso latino-americano de sistema penal subterrâneo. In: XVI Congreso Latinoamericano, VIII Iberoamericano y I nacional de Derecho Penal y Criminología, 2004, San Marcos. XVI Congreso Latinoamericano, VIII Iberoamericano y I nacional de Derecho Penal y Criminología. San Marcos: Universidad Nacional Mayor de San Marcos, 2004. v. 1. p. 576-593.

11.
PRANDO, C. C. M.. Abolicionismo: a necessária radicalização. In: XIV Congresso Latinoamericano VI Iberoamericano y II Nacional de Derecho Penal y Criminologia, 2002, Valparaíso. XIV Congreso Latinoamericano de Derecho Penal y Criminologia, 2002.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
PRANDO, C. C. M.; MELO, Michel Sandes . Núcleo de Execuções Penais: uma proposta de suporte para realização dos direitos dos condenados na Penitenciária de São Pedro de Alcântara. In: II Mostra de Pesquisa, Extensão e Cultura do CEJURPS, 2006, Itajaí. Produção Científica CEJURPS/2006. Itajaí: Universidade Vale do Itajaí, 2006. v. 1. p. 725-726.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
TADEU, Maria de Fatima ; PRANDO, C. C. M. . O direito penal como recurso para coibir a violência doméstica: reflexão crítica. In: 60 Reunião Anual da SBPC, 2008, Campinas. Resumos da 60a Reunião Anual do SBPC, 2008. p. 4223-4223.

2.
PRANDO, C. C. M.. O trabalho escravo contemporâneo no Brasil. In: EVINCI, 1999, Curitiba. 7º EVINCI, 1999.

Apresentações de Trabalho
1.
PRANDO, C. C. M.. Como resistir ao punivitismo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
PRANDO, C. C. M.. Criminologia e Colonialidade: o caso Rafael Braga. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
PRANDO, C. C. M.. The margins of critical criminology. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
PRANDO, C. C. M.. Deslocando a Criminologia Crítica: epistemologia feminista e movimentos sociais. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO. Justiça de Transição: ditaduras e mulheres. Cena Contemporânea Estendida - Festival de Teatro. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
PRANDO, C. C. M.. A crítica criminológica desde os estudos críticos sobre branquidade. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
PRANDO, C. C. M.. Criminologia Crítica e estudos críticos sobre branquidade: uma análise do III Encontro Brasileiro de Criminologia. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

8.
PRANDO, C. C. M.. História e Controle no caso Rafael Braga. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
PRANDO, C. C. M.. Criminalidade urbana, justiça e impunidade: debate à luz do documentário Sem Pena. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
PRANDO, C. C. M.. Pesquisa no Direito. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
PRANDO, C. C. M.; DUARTE, E. P. . Tráfico de ideias: problematização das categorias recepção e centro-periferia na pensamento criminológico crítico no Brasil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
PRANDO, C. C. M.. A pena de prisão e a impossibilidade de realização de justiça. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
PRANDO, C. C. M.. Violência contra a mulher: aspectos legais e jurídicos da violência obstétrica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
PRANDO, C. C. M.. Direito à saúde sob uma perspectiva de gênero. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
PRANDO, C. C. M.. Violência obstétrica. Direito à saúde e à informação. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
PRANDO, C. C. M.; COSTA, A. B. . CineCAL no Museu: Ficção Científica: nas fronteiras do real - debate sobre o filme Alphaville. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

17.
PRANDO, C. C. M.; CASTILHO, E. W. V. . Prisões Provisórias e Liberdade: a (não) aplicação da Lei 12.403. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

18.
PRANDO, C. C. M.. De onde viemos: a construção do saber penal e criminológico e o conservadorismo dos juristas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
PRANDO, C. C. M.. A construção do modelo punitivo de defesa social e a cultura jurídico-penal de 1930. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
PRANDO, C. C. M.. O defensivismo social no debate penal brasileiro nos anos 1930. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
PRANDO, C. C. M.. A produção cultural das Revistas: estudo preliminar da Revista de DIreito Penal (1933-1936) como fonte de interpretação. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
PRANDO, C. C. M.. A cultura jurídica das Revistas: a Revista de Direito Penal (1933-1936) como fonte de interpretação. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
PRANDO, C. C. M.. A recepçao da Criminologia Positiva no Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
PRANDO, C. C. M.; VIEIRA, Alexandre . Homo Sapiens 1900 (Peter Cohen): Ciclo de CInema e Debate "Racismo de Estado no Brasil". 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

25.
PRANDO, C. C. M.; VIEIRA, Alexandre . Macunaíma (Joaquim Pedro de Andrade): Racismo de Estado no Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
PRANDO, C. C. M.; VIEIRA, Alexandre . Madame Satã (Karim Ainouz): Racismo de Estado no Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
PRANDO, C. C. M.; BARBOSA, Mario Davi . A apropriação da Criminologia Positiva por Tobias Barreto. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
PRANDO, C. C. M.. Psicanálise e Direito: Leituras do Contrato Social. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
PRANDO, C. C. M.. Estado de Direito e Estado de Polícia: modelos de controle punitivo. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
PRANDO, C. C. M.. O Crime como fato ou construção social. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
PRANDO, C. C. M.. A contribuição do discurso criminológico latino-americano para a compreensão do controle punitivo moderno: controle penal na América Latina. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

32.
PRANDO, C. C. M.. Orientação Político Crimina do Estado Brasileiro: uma análise das leis promulgadas no período de 1998 a 2002. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
PRANDO, C. C. M.. Formação do sistema penal latino-americano e a hipótese do sistema penal subterrâneo. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

34.
PRANDO, C. C. M.. Políticas de Controle Social e produção de subjetividade. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
PRANDO, C. C. M.. Pânico e Política Criminal na cidade de São Paulo. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

36.
PRANDO, C. C. M.. Criminalização do assédio moral: as ambiguidades do discurso punitivo. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

37.
PRANDO, C. C. M.. Sistema Penal e Políticas Penitenciárias. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
PRANDO, C. C. M.. Sobre a paz e o estatuto do desarmamento. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

39.
PRANDO, C. C. M.. Os perigos do discurso do Estatuto do Desarmamento. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

40.
PRANDO, C. C. M.. Criminologia e Direito Penal: integração das Ciências Criminais. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

41.
PRANDO, C. C. M.. As diretrizes do Movimento de Lei e Ordem no programa Linha Direta. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

42.
PRANDO, C. C. M.. Direito penal: instrumento de dominação ou resistência?. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

43.
PRANDO, Felipe Cardoso de Mello ; PRANDO, C. C. M. . Criminalização da exclusão social: uma análise da repressão dos trabalhadores rurais sem-terra no Paraná. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

44.
PRANDO, C. C. M.. Abolicionismo Penal: a necessária radicalização. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

45.
PRANDO, C. C. M.. Abolicionismo Penal. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

46.
PRANDO, C. C. M.. Abolicionismo Penal. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

47.
PRANDO, C. C. M.. Considerações sobre o sistema penal subterrâneo. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

48.
PRANDO, C. C. M.. Análise da política criminal de combate ao trabalho escravo no Brasil. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

49.
PRANDO, C. C. M.. Trabalho escravo contemporâneo no Brasil. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

50.
PRANDO, C. C. M.. O trabalho escravo sob enfoque de sua origem, da questão agrária e da legislação. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

51.
PRANDO, C. C. M.. O trabalho escravo sob o enfoque histórico e legislativo. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO. Criminologia do Preconceito: racismo e homofobia nas Ciências Criminais. São Paulo, 2017. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

2.
PRANDO, C. C. M.. 'Te doy mis ojos': o que vêem as mulheres quando o direito as olha. São Paulo: Instituto Brasileiro de Ciências Criminais, 2016 (resenha crítica).

3.
PRANDO, C. C. M.. ZAFFARONI, Raul Eugenio. Em busca das penas perdidas: a perda de legitimidade do sistema penal. Florianópolis: CESUSC, 2007 (resenha crítica).

4.
PRANDO, C. C. M.. Ilusão de Segurança Jurídica. Florianópolis: Fundação Boiteux, 2004 (resenha crítica).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista SER Social. 2018.

2.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM. Vol. 12. N.2. 2017.

3.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Brasileira de Ciências Criminais. N. 135.. 2017.

4.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Eletrônica do Curso de Direito da UFSM. Vol. 11. N.1. 2016.

5.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Brasileira de Ciências Criminais.. 2016.

6.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Brasileira de Ciências Criminais.. 2016.

7.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Brasileira de Ciências Criminais. artigo n. 1639.. 2016.

8.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Brasileira de Ciências Criminais. Artigo 1643. 2016.

9.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista Eletronica do Curso de Direito (UFSM). Vol. 10. N.2.. 2015.

10.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista de Estudos Empiricos em Direito. Vol.3. N.1. 2015.

11.
PRANDO, C. C. M.. Parecer para a Revista de Estudos Empiricos em Direito. Vol.3. N.1. 2015.

Redes sociais, websites e blogs
1.
PRANDO, C. C. M.; PENALVA, J. . O sequestro patriarcal da cultura do estupro. 2016. (Site).

2.
PRANDO, C. C. M.; REZENDE, B. V. R. G. . Gestão Penal e Democracia. 2016. (Site).

3.
PRANDO, C. C. M.. O que o projeto de lei 6583/2013 tem a nos ensinar sobre a conjuntura política atual. 2015; Tema: Estatuto da Família. (Blog).

4.
PRANDO, C. C. M.. As razões da legislação sobre terrorismo no Brasil. 2015. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
PRANDO, C. C. M.. Trabalho Escravo Contemporâneo no Brasil. 1999. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Ana Paula Del Vieira Duque. Gênero e Justiça de Transição: a construção da vítima no relatório final da Comissão Nacional da Verdade. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

2.
PRANDO, C. C. M.; FERREIRA, C.C.; MACHADO, M.. Participação em banca de Eduarda Toscani Gindri. As disputas dóxicas da Criminologia na Revista Discursos Sediciosos (1996-2016). 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

3.
MELLO, M. M. P.; OLIVEIRA, J. L. G; ABATH, M.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Larisse Salvador Bezerra de Vasconcelos. Por uma percepção mais ampla da nova vitimologia dentro do processo penal. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade Católica de Pernambuco.

4.
ANDRADE, V. R. P.; AREND, S. F.; PRANDO, C. C. M.; KELNER, L.. Participação em banca de Camila Damasceno Andrade. Do trabalho ao cárcere: criminalização e encarceramento feminino em Santa Catarina (1950-1979). 2017. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
DINIZ, D.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Luna Borges Pereira Santos. Infanticida e Castigo: moral e produção da verdade em um arquivo. 2017. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

6.
DINIZ, D.; PRANDO, C. C. M.; RIBEIRO, D. C.; LIONÇO, T.. Participação em banca de Gabriela Rondon Rossi Louzada. Quanto um monstro é perigoso e louco: um estudo sobre o dobramento penal-psiquiátrico em caso de pedofilia. 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

7.
PRANDO, C. C. M.; MACHADO, L. Z.; DUARTE, E. P.; MENDES, S. R.. Participação em banca de Renata Cristina de Faria Gonçalves Costa. Vitimas, Processos e dramas sociais: escutas e traduções judiciárias da violência doméstica e familiar contra as mulheres. 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

8.
DINIZ, D.; REZENDE, B. V. R. G.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Sinara Gumieri Vieira. Lei Maria da Penha e gestão normalizadora da família: um estudo sobre a violência doméstica judicializada no Distrito Federal entre 2006 e 2912. 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

9.
DUARTE, E. P.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Johnatan Razen Ferreira Guimarães. Coordenadas do possível: o lugar da violência e a legitimidade da ocupação de terras na ADI 2.213-0. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

10.
DUARTE, E. P.; PRANDO, C. C. M.; CARVALHO NETO, M.. Participação em banca de Mateus do Prado Utzig. A proibição da tortura na Constituinte de 1987-88: entre demandas por justiça e reconciliação nacional. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

11.
DUARTE, E. P.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Rafael de Deus Garcia. O uso da tecnologia e a atualização do modelo inquisitorial: gestão da prova e violação de direitos fundamentais na investigação policial na política de drogas. 2015. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília.

12.
PRANDO, C. C. M.; MELLO, M. M. P.; BURDO, M. D.; ANDRADE, V. R. P.. Participação em banca de Mariana Dutra de Oliveira Garcia. A Criminologia no ensino jurídico no Brasil. 2014. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
ANDRADE, V. R. P.; PRANDO, C. C. M.; MELLO, M. M. P.; BURDO, M. D.. Participação em banca de Fernanda Martins. A (des)legitimação do controle penal: a construção do criticismo criminodogmático na Revista de Direito Penal e Criminologia (1971-1983). 2014. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Teses de doutorado
1.
CASTILHO, E. W. V.; MELLO, M. M. P.; BATISTA, V. M.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Manuela Abath Valença. Soberania policial no Recife do início do século XX. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

2.
ANDRADE, V. R. P.; PRANDO, C. C. M.; ARGUELO, K.; CARVALHO, S.; ZILIO, J.; WOLKMER, A. C.. Participação em banca de Marcelo Mayora Alves. Os penalistas na ditadura civil-militar: as ciências criminais e as justificativas de ordem. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
DINIZ, D.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Natália Pereira Gonçalves. Meninas de Santa Maria: a precarização da vida na medida socioeducativa de internação. 2016. Tese (Doutorado em Política Social) - Universidade de Brasília.

4.
PAIXÂO, C. O. A. P; PRANDO, C. C. M.; Seelaender, A. L. C.. Participação em banca de Maria Pia dos Santos Lima Guerra. O padre e a pátria: direito, transição política e o Supremo Tribunal Federal na expulsão de Vito Miracapillo (1980). 2016. Tese (Doutorado em Direito) - Universidade de Brasília.

Qualificações de Doutorado
1.
PAIXÂO, C. O. A. P; KOERNER, A; PRANDO, C. C. M.; PINHEIRO, D.A.R.. Participação em banca de Claudia Paiva Carvalho. A crise constitucional de 1955 no Brasil: legalidade,exceção e conflito. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

2.
DINIZ, D.; COSTA, A. P. M.; PRANDO, C. C. M.; CASTILHO, E. W. V.; PEREIRA, L. B.. Participação em banca de Cecilia Nunes Froemming. Percurso Punitivo de meninas e mulheres: seletividade penal e tráfico de drogas no distrito federal. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Política Social) - Universidade de Brasília.

Qualificações de Mestrado
1.
ANDRADE, V. R. P.; AREND, S. M. F.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Camila Damasceno de Andrade. O encarceramento feminino no Brasil: o recrudescimento do controle penal a partir do processo de inserção da mulher no mercado de trabalho. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Curso de Pós-Graduação em Direito- Mestrado e Doutorado) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
TABOA, I.S.M.Z.; FRANKLIN, N. I. C.; PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO. Participação em banca de Beatriz Ferreira Barbosa.Mulheres no tráfico: o aumento do encarceramento feminino e sua relação com o endurecimento da lei de drogas. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

2.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO; ALMEIDA, D. N.; COSTA, R. C. F. G.. Participação em banca de Maria Paula Benjamin Borges.Stalking pós-ruptura: uma análise do risco em medidas protetivas de urgência entre janeiro de julho de 2017/DF. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

3.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO; REZENDE, B. V. R. G.; ROCHA, E. G.. Participação em banca de Rafael da Escossia Lima.Praxis curinga e ensino jurídico: uma autoetnografia sobre a relação professor/a-aluno/a na disciplina de teatro legislativo ofertada no 1 semestre de 2017. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

4.
PRANDO, C. C. M.; GARCIA, R. D.; DUARTE, E. P.. Participação em banca de Augusto Cesar Valle Rodrigues da Costa.O discurso penal e criminológico e a repressão à contravenção penal de vadiagem no Brasil de 1921 a 1938. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

5.
PRANDO, C. C. M.; ZACKSESKI, C. M.; GARCIA, R. D.. Participação em banca de Glauber Henrique Valverde Pereira Ribeiro.O princípio da insignificância no Supremo Tribunal Federal: um discurso sobre o direito penal do autor. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

6.
REZENDE, B. V. R. G.; PRANDO, C. C. M.; ZACKSESKI, C. M.. Participação em banca de Rayssa Rocha Rodrigues.A prisão preventiva para a garantia da ordem pública e o juizo de periculosidade do agente. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

7.
PRANDO, C. C. M.; GINDRI, E. T.; FERREIRA, C.C.. Participação em banca de Amanda Lima de Oliveira.Violência obstétrica: uma análise de suas dimensões nas normativas brasileiras. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

8.
PRANDO, C. C. M.; COSTA, R. C. F. G.; GINDRI, E. T.. Participação em banca de Hanna Iwamoto de Thuin.Visita íntima como instrumento normalizador dos corpos. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

9.
REZENDE, B. V. R. G.; PAULA, H. M.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Natália Graziele Maria Pinho Guedes Barros.O processo decisório na execução da medida socioeducativa de internação no distrito federal: análise dos benefícios de saída, da progressão e da liberação. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

10.
PRANDO, C. C. M.; BIROLLI, F. M.; CARVALHO, C. P.. Participação em banca de Ana Paula Del Vieira Duque.Direito como tecnologia de gênero: uma análise a partir dos relatos de tortura a mulheres pela ditadura civil-militar nos processos do Superior Tribunal Militar (1964-1979). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

11.
SOMBRA, T. L. S.; PRANDO, C. C. M.; FRAZÃO, A.. Participação em banca de Isabela Veloso Martins.O impacto das conquistas de direitos pelas mulheres no direito de família: uma análise à luz do Código de 1916, o Estatuto da Mulher Casada e a Constituição de 1988. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

12.
MACHADO, L. Z.; PRANDO, C. C. M.; MENDES, S. R.. Participação em banca de Guilherme Crespo Gomes dos Santos.Masculinidades e violência: uma análise de subjetividades a partir do atendimento de equipes multidisciplinares na aplicação da Lei Maria da Penha'. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

13.
DUARTE, E. P.; PRANDO, C. C. M.; KONIG-REIS, S.. Participação em banca de João Victor Nery Fiocchi Rodrigues.Os usos da legislação antiterror na América Latina: um estudo a partir do julgamento do caso Norín Catrimán y otros vs. Chile pela Corte Interamericana de Direitos Humanos. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

14.
DUARTE, E. P.; PRANDO, C. C. M.; OLIVEIRA, V. S.. Participação em banca de Tiago Kalkmann.O uso da delação premiada no Brasil como a instituição de um microssistema inquisitorio. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

15.
PRANDO, C. C. M.; DUARTE, E. P.; REZENDE, B. V. R. G.. Participação em banca de Rafael de Deus Garcia.O interrogatório por vídeoconferência e o direito à presença do acusado. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília.

16.
VALLE, J. K.; PRANDO, C. C. M.; PAULA, G.. Participação em banca de Carolina Panitz Salomão.A aplicabilidade da Pena Alternativa de Prestação de Serviço à Comundade como forma de Ressocialização e Reinserção Social. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

17.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; RODRIGUES, R.. Participação em banca de Ricardo Venzon.A prisão como fator de reincidência. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

18.
RODRIGUES, R.; BISSOLI FILHO, Francisco; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Mateus Steffan Pellenz.A aplicação do contraditório e da ampla defesa na instrução preliminar. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

19.
RODRIGUES, R.; SELL, Sandro; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Elisa S. Carioni.Sistema Penal e violência contra mulher: aspectos polêmicos da Lei Maria da Penha. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

20.
PRANDO, C. C. M.; CARVALHO, T. F.; RODRIGUES, R.. Participação em banca de Helena Favero Xavier.A influência da política criminal de defesa social na individualização judicial da pena. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

21.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; CARVALHO, T. F.. Participação em banca de Thiago de Faria Alvim.Descumprimento de sentença oriunda de transação penal: a doutrina diante da ausência de previsão legal. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

22.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; RODRIGUES, R.. Participação em banca de Fernanda Marques Alvim.Lesão corporal culposa nos crimes de trânsito: a inaplicabilidade da pena prevista pelo Código Penal Brasileiro. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

23.
RODRIGUES, R.; PRANDO, C. C. M.; CARVALHO, T. F.. Participação em banca de Pablo Freitas Godinho.As deficiências do instrumento de investigação preliminar no Processo Penal Brasileiro. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

24.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; RODRIGUES, R.. Participação em banca de Carolina Machado Assad.A visão policial da violência contra a mulher na ilha de Santa Catarina. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

25.
LIMA, E. M.; EISELE, A.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Vitor Rosa de Freitas.Inquérito Policial: o seu valor probatório. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

26.
PRANDO, C. C. M.; VALLE, J. K.; SANTOS, R. M.. Participação em banca de Pamella da Silva Rocha.Aplicação das medidas socioeducativas: da necessida de princípios penais constitucionais limitadores. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

27.
ARAUJO NETO, Raimundo; PRANDO, C. C. M.; RODRIGUES, R.. Participação em banca de Ricardo André Gomes Rojas.A extinção da punibilidade no direito penal. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

28.
ARAUJO NETO, Raimundo; SILVA, V. L.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Valdir Antonio Espíndula.A culpabilidade e as medidas da pena. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

29.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; RODRIGUES, R.. Participação em banca de Diego Pablo de Campos Maciel.A ausência de exame de corpo de delito como causa de nulidades. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

30.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; RODRIGUES, R.. Participação em banca de Henrique Aguiar Haeffner.Dolo eventual e culpa consciente nos acidentes de trânsito. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

31.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; ARAUJO NETO, Raimundo. Participação em banca de Maristela Teresinha Klein.As penas alternativas como forma de dessocialização. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

32.
OLIVEIRA, F. C. M.; PRANDO, C. C. M.; ARAUJO NETO, Raimundo. Participação em banca de Renata de Abreu Dekkes Ramos.Crimes Hediondos: a progressão de regime sob a ótica constitucional. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

33.
ARAUJO NETO, Raimundo; RODRIGUES, R.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Fernando Barreto Theiss.O usuário de drogas e a aplicabilidade do princípio da insignificância. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

34.
RODRIGUES, R.; ARAUJO NETO, Raimundo; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Lucelene Garcia.As respostas (simbólicas) do sistema penal no combate à violência contra a mulher. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda.

35.
PRANDO, C. C. M.; PAULA, G.; SANTOS, R. D.. Participação em banca de Débora Maria da Silva Gomes.A aplicação das medidas sócio-educativas como determinante da carreira criminosa de adolescentes selecionados como infratores". 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

36.
PRANDO, C. C. M.; GONTIJO, A. P.; VALLE, J. K.. Participação em banca de Thais Caroline da Silva.A abrangência do artigo 94 do Estatuto do Idoso nos Juizados Especiais Criminais. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

37.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D.; CADEMARTORI, D. M. L.. Participação em banca de Camila Sousa Delambert.O homicidio privilegiado e os crimes passionais. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

38.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D.; OLIVEIRA, F. C. M.. Participação em banca de Gustavo Correa Santa Rita.Lesões Corporais no jogo de futebol. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

39.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D.; PAULA, G.. Participação em banca de Roberta Espíndola Miranda.A seletividade do sistema penal na repressão aos crimes contra o sistema financeiro nacional: análise comparativa entre as décadas de 1990 e 2000". 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

40.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D.; OLIVEIRA, F. C. M.. Participação em banca de Samara Fontoura.Do discurso declarado a função real das medidas sócio-educativas. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

41.
PRANDO, C. C. M.; EISELE, A.; ARNOLD, C. P.. Participação em banca de Pollyanna Novaes de Queiroz.Redução da maioridade penal. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

42.
PRANDO, C. C. M.; FERREIRA, E. L. L.; EISELE, A.. Participação em banca de Renata Susan da Silva.Análise sobre a aplicabilidade das modalidades do termo jurídico "culpabilidade" do Código Penal Brasileiro. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

43.
PRANDO, C. C. M.; NEPOMOCENO, A.; IMBURGUE, E. O.. Participação em banca de Francisco Wollinger Neto.Auto de prisão em flagrante e o abuso de poder nos crimes de abrangência dos Juizados Especiais Criminais: um impasse a ser solucionado. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

44.
PRANDO, C. C. M.; IMBURGUE, E. O.; NEPOMOCENO, A.. Participação em banca de Edmundo Ferreira Lima Jr..Inquérito Policial: um procedimento administrativo persecutório de instrução provisória. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

45.
PRANDO, C. C. M.; IMBURGUE, E. O.; OLIVEIRA, F. C. M.. Participação em banca de Maria Luiza Digiacomo.Idoso: violência e proteção legal. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

46.
PRANDO, C. C. M.; NEPOMOCENO, A.; OLIVEIRA, F. C. M.. Participação em banca de Jair José da Silva.O livramento condicional no ordenamento jurídico brasileiro. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

47.
GASSEN, V.; PRANDO, C. C. M.; OLIVEIRA, F. C. M.. Participação em banca de Murilo Eduardo Câmara.Interceptação telefônica e gravações clandestinas. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

48.
GONTIJO, A. P.; OLIVEIRA, G. C.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Adenilson Gonçalves Marques.Prescrição da pena em perspectiva: uma construção da doutrina e da jurisprudência brasileira, em defesa de sua aplicação. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

49.
ALVES, M.; PRANDO, C. C. M.; PAULA, G.. Participação em banca de Alexandre Cardoso da Silva.O mito da ressocialização do apenado no sistema penal brasileiro. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

50.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D.; CASTELAN, G.. Participação em banca de Anne Elize da Silva.Comportamento da vítima nos crimes sexuais. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

51.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D.; PAULA, G.. Participação em banca de Frederico Zanotelli dos Santos.Política criminal de drogas no Brasil: a permanência do paradigma da intolerância. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

52.
PAULA, G.; SANTOS, R. D.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Ingrid Audrey Schauffert.Estatuto do Desarmamento: as armas e a sociedade do medo. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

53.
VALLE, J. K.; PRANDO, C. C. M.; SILVA JUNIOR, J.. Participação em banca de Tiago Thadeu Scmitz de Menezes.Os efeitos jurídicos decorrentes do descumprimento unilateral da transação penal pelo autor dos fatos. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

54.
IMBURGUE, E. O.; PRANDO, C. C. M.; SANCHES, S. H. D. F. N.. Participação em banca de Ângela Maria Pozza.O princípio da dignidade da pessoa humana: a execução penal no presídio feminino de Florianópolis. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

55.
SANCHES, S. H. D. F. N.; IMBURGUE, E. O.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Fernanda Brasil Gonçalves.A redução da idade penal em face da Constituição Federal. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

56.
NEPOMOCENO, A.; SANCHES, S. H. D. F. N.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Flavio Luiz B. Budant.As (in)verdades da redução da imputabilidade penal. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

57.
NEPOMOCENO, A.; PRANDO, C. C. M.; SANCHES, S. H. D. F. N.. Participação em banca de Jorge Luiz Ricci.O regime disciplinar diferenciado na lei 10.792/03: uma análise a partir da Constituição Federal de 1988. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Faculdade CESUSC.

58.
ANDRADE, V. R. P.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Caroline Camilo Dagostin.A aplicação do Minimalismo Penal de Alessandro Baratta à criminalização das pessoas jurídicas. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

59.
PRANDO, C. C. M.; BURLANI, R.; KOOL, S. L. H.. Participação em banca de Gabriela Fauth.A ocupação urbana frente o estatuto da cidade. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

60.
PRANDO, C. C. M.; OLIVEIRA, C. M.; SCHAEFER, L. A. G.. Participação em banca de Marcelo Carreirao da Silva.O papel do Ministério Público do trabalho no combate ao trabalho escravo no Brasil. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

61.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, R. D.; GONTIJO, A. P.. Participação em banca de Marjorie de Medeiros.Os crimes hediondos e a progressão de regime. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

62.
PRANDO, C. C. M.; GONTIJO, A. P.; OLIVEIRA, H. C.. Participação em banca de Valdinei Dutra Severino.Habeas Corpus: cabimento. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

63.
PRANDO, C. C. M.; FONSECA, E. P.; LIMA, E. M.. Participação em banca de Rodrigo Ruhland.Aspectos destacados das penas alternativas no direito brasileiro. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

64.
PRANDO, C. C. M.; FERREIRA, E. L. L.; PAULA, G.. Participação em banca de Micheli Nilza Fernandes.A natureza jurídica do sequestro relâmpago. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

65.
PRANDO, C. C. M.; PAULA, G.; FERREIRA, E. L. L.. Participação em banca de karina moraes borges.Os instrumentos de proteção ao crime de falsificação de moeda. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

66.
PRANDO, C. C. M.; PAULA, G.; SANTOS, R. D.. Participação em banca de Ana Paula Krentz Xavier.A aplicabilidade e eficácia da pena de morte como instrumento de defesa social: estudo de caso nos Estados Unidos da América. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

67.
PRANDO, C. C. M.; PAULA, G.; SANTOS, R. D.. Participação em banca de Maximiliano Simas Noronha.Da aplicabilidade da medida sócio-educativa de internação no Centro Educacional São Lucas. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

68.
PRANDO, C. C. M.; PAULA, G.; SANTOS, R. D.. Participação em banca de Karla de Oliveira Carvalho.A implantação do modelo de polícia comunitária no Brasil: Um estudo de caso na comunidade de Grande Forquilhinhas, no município de São José - SC. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.

69.
ANDRADE, V. R. P.; PRANDO, C. C. M.. Participação em banca de Ramila Rossa.Assédio sexual: uma abordagem criminológica sobre a violência contra a mulher. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

70.
PRANDO, C. C. M.; SANTOS, F. Z. DOS; CARNEIRO, C. T.. Participação em banca de Rodrigo Pantaleão.Criminologia e Crimes Sexuais. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Professor titular
1.
BASTOS JR, Luiz Magno Pinto; PRANDO, C. C. M.. Processo Seletivo Interno de Docentes. 2006. Universidade do Vale do Itajaí.

Outras participações
1.
PRANDO, C. C. M.. Comissao Temporária de Avaliaçao dos Projetos de Pesquisa do Programa Institucional de Bolsas de Iniciaçao Científica - PIBIC. 2005. Universidade do Vale do Itajaí.

2.
PRANDO, C. C. M.. Comissao Temporária de Avaliaçao dos Projetos de Pesquisa do Programa de Bolsas de Iniciaçao Científica - ProBIC. 2005.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Seminário Gênero, Feminismos e Sistema de Justiça.Stalking pós-ruptura: uma análise do risco em medidas protetivas de urgência. 2018. (Seminário).

2.
Seminário Gênero, Feminismos e Sistema de Justiça. 2018. (Seminário).

3.
Au-delà de la loi: le gouvernement 'gris' des systèmes pénaux. Profils historiques et théoriques (XIX-XXI siécles). 2010. (Encontro).

4.
Bonifica Umana. Per una genealogia del manicomio criminale in Italia. 2010. (Encontro).

5.
Diritto ed emigrazione. 2010. (Encontro).

6.
Diritto penale e regime di eccezione nella dittatura militare brasiliana (1964-1985). 2010. (Encontro).

7.
II Seminário Nacional Sociologia e Política: Tendências e Desafios Contemporâneos.A construção do modelo punitivo de defesa social e a cultura jurídico-penal de 1930. 2010. (Seminário).

8.
Ordenamentos Jurídicos e Dimensão da Justiça na experiência moderna e contemporânea: diálogo entre História Direito e Criminologia.A cultura jurídica das Revistas: a Revista de Direito Penal (1933-1936) como fonte de interpretação. 2010. (Seminário).

9.
Paradigmi dell´eccezione e ordine giuridico nella modernità penale. 2010. (Encontro).

10.
Una 'tribuna' per le scienze criminali. La cultura delle Riviste nel dibattito penalistico tra Otto e Novecento.. 2010. (Seminário).

11.
XIX Congresso Nacional do CONPEDI. A produção cultural das Revistas: estudo preliminar da Revista de Direito Penal (1933-1936) como fonte de interpretação; O defensivismo social no debate penal brasileiro nos anos 1930. 2010. (Congresso).

12.
Criminologia e Poder Punitivo na América Latina. 2008. (Seminário).

13.
Teoria Crítica dos Direitos Humanos. 2008. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO. Comissões da Verdade no Brasil. 2016. (Outro).

2.
PRANDO, C. C. M.; CARVALHO, C. P. . Arquivos sobre Crimes Sexuais na América Latina. 2016. (Outro).

3.
PRANDO, C. C. M.; CARVALHO, C. P. . Judicialização de Crimes Sexuais na América Latina. 2016. (Outro).

4.
PRANDO, C. C. M.. I Mês de Pesquisa da Faculdade de Direito da UnB. 2015. (Outro).

5.
PRANDO, C. C. M.. Narrativas do Cárcere: culturas de resistência ao cárcere e ao sistema sócio-educativo. 2015. (Congresso).

6.
PRANDO, C. C. M.. Ciclo de Cinema: Discriminação, desigualdade e política. 2015. (Outro).

7.
PRANDO, C. C. M.. Jornada de Estudos: Teorias da descolonização. 2015. (Outro).

8.
PRANDO, C. C. M.. Narrativas do Cárcere: visibilidades do invisível. 2014. (Congresso).

9.
PRANDO, C. C. M.. Jornada de Estudos ?Teorias da Justiça Feminista". 2014. (Outro).

10.
PRANDO, C. C. M.; DUARTE, E. P. . Temas da História do Direito Penal Moderno e Contemporâneo. 2013. (Outro).

11.
PRANDO, C. C. M.; VIEIRA, Alexandre . Ciclo de Cinema e Debate "Racismo de Estado no Brasil". 2008. (Outro).

12.
PRANDO, C. C. M.; VIEIRA, Alexandre . Seminário de Divulgação Científica CESUSC. 2008. (Outro).

13.
PRANDO, C. C. M.; BASTOS JR, Luiz Magno Pinto ; NOGUEIRA, Elisabete Wayne . I Seminário de Pesquisa e Extensão do Curso de Direito: Universidade vs Profissões Jurídicas. 2006. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Marcelo Caetano da Costa Zoby. Crítica diaspórica e Criminologia. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Fernanda Lima da Silva. Controle social, polícia e mulheres negras no fim do século XIX. Início: 2017. Dissertação (Mestrado profissional em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).

3.
Eduarda Toscani Gindri. Uma análise das pesquisas criminológicas na Revista Discurso Sediciosos desde a epistemologia feminista. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

4.
Ana Paula Duque Vieira. Acesso às reparações nos processos da Comissão da Anistia: democracia e gênero. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Lucas Ferreira Crunivel. Representações de raça e gênero nos exemplos de crimes contra o patrimônio: uma análise crítica do discurso da doutrina penal. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).

2.
Ana Karoline Andrade de Freitas. Representações sociais de gênero e raça nos exemplos de Manuais de Direito Penal no capítulo de crimes contra a Administração Pública. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).

3.
Pedro Ribeiro Dornelas. Prisões preventivas e encarceramento no Brasil: uma análise empírico retórica do discurso do STF. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).

4.
Nicolle Wagner da Silva Gonçalves. O discurso do STF e a constitucionalidade das leis criminalizadoras. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).

5.
Cecilia Rosal. Representações de raça e gênero nos exemplos da teoria da pena em Manuais de Direito Penal. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).

6.
Helena Rosal Silva. Representaçoes sociais de gênero e raça nos Manuais de Direito Penal: uma análise dos exemplos contidos na Parte Geral dos Manuais. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).

7.
Lauriane Matos da Rocha. O discurso do STF e a execução penal: o impacto da retórica nos direitos e garantias dos cidadãos presos. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Eduarda Toscani Gindri. As disputas dóxicas da Criminologia na Revista Discursos Sediciosos (1996-2016). 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

2.
Ana Paula Del Vieira Duque. Gênero e Justiça de Transição no Brasil: a construção da figura da vítima. 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

3.
Renata Cristina de Faria Gonçalves Costa. Vítimas, processos e dramas sociais: escutas e traduções judiciárias da violência doméstica familiar contra mulheres. 2016. Dissertação (Mestrado em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Otto George de Azevedo Tavares. A função da pena e a delação premiada. 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós-graduação em Direito Penal e Processual Penal) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

2.
Cristiano Gasperin. A crise de legitimação do direito punitivo e a proposta de minimalismo penal. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós-graduação em Direito Penal e Processual Penal) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

3.
Fernanda Marques Alvim. A prevalência da política penal em detrimento das políticas públicas de proteção à mulher. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós-graduação em Direito Penal e Processual Penal) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

4.
Igor Bandeira de Matos. De dependente químico à criminoso: a subjetividade da tipificação penal. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós-graduação em Direito Penal e Processual Penal) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

5.
Izaura Maria Kruger da Silva. O princípio da privatização dos conflitos como proposta de implementação do minimalismo penal. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós-graduação em Direito Penal e Processual Penal) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

6.
Sara Biasuz Tomasi. A inaplicabilidade do direito penal do inimigo no ordenamento jurídico brasileiro. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Pós-graduação em Direito Penal e Processual Penal) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

7.
Frederico Zanotelli Santos. Inimigo Público Número Um: A demonização do traficante na Política de Drogas brasileira. 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM CIÊNCIAS) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

8.
Thayara Silva Castelo Branco. Análise Crítica ao Exame de Periculosidade do Agente no processo de criminalizaçao de doença mental. 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em NÚCLEO DE PÓS-GRADUAÇÃO ESPECIALIZAÇÃO EM CIÊNCIAS) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Maria Paula Benjamin Borges. Stalking pós-ruptura: uma análise do risco em medidas protetivas de urgência entre janeiro e julho de 2017/DF. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

2.
Rafael da Escossia Lima. Praxis curinga e ensino jurídico: uma autoetnografia sobre a relação professor/a-aluno/a na disciplina de Teatro Legislativo ofertada no primeiro semestre de 2017. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

3.
Glauber Henrique Valverde Pereira Ribeiro. O princípio da insignificância no Supremo Tribunal Federal: um discurso sobre o direito penal do autor. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

4.
Hanna Iwamoto de Thuin. Visita ìntima como instrumento normalizador dos corpos. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

5.
Amanda Lima de Oliveira. Violência obstétrica: uma análise de suas dimensões nas normativas brasileiras. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

6.
Augusto César Valle Rodrigues da Costa. O Discurso penal-criminológico e a repressão à contravenção penal de vadiagem no Brasil de 1921 a 1938. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

7.
ANA PAULA DEL VIEIRA DUQUE. Direito como tecnologia de gênero: uma análise a partir dos relatos de tortura a mulheres pela ditadura ivil-militar nos processos do Superior Tribunal Militar (1964-1979). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

8.
Mario Davi Barbosa. Raimundo Nina Rodrigues: a recepção da Criminologia Positiva no Brasil, mestiçagem e o negro como objeto da ciência. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

9.
Maria de Fatima Tadeu. Análise Criminológica da Lei Maria da Penha. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

10.
Helena Favero Xavier. A influência da política criminal de defesa social na individualização judicial da pena. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

11.
Pamella da Silva Rocha. Aplicação das Medidas Sócio-Educativas: da necessidade de princípios penais constitucionais limitadores. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

12.
Camila Sousa Delambert. O homicídio privilegiado e os crimes passionais. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

13.
Gustavo Correa Santa Rita. Lesões corporais no jogo de futebol: exercício regular de direito na teoria final do delito. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

14.
Samara Fontoura. Di discurso declarado às funções reais das medidas sócio-educativas". 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

15.
Alexandre Cardoso Silva. O mito da ressocialização do apenado no sistema prisional brasileiro. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

16.
Frederico Zanotelli dos Santos. Política Criminal de drogas no Brasil: a permanência do paradigma da intolerânica. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

17.
Rodrigo Ruhland. Aspectos destacados das penas alternativas no direito brasileiro. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em direito) - Universidade do Vale do Itajaí. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

Iniciação científica
1.
Leonardo Fontes Borges Araruna. Analise da precarização de vidas trans no acesso de espaços publicos. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

2.
Rubens Castanhede Mota Neto. O impacto do desejo na vida das LGBTs. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

3.
Gabriel Santos Pereira. Representatividade de diversidade sexual e de gênero nas tecnologias de entretenimento. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

4.
Leidiane Fernandes Gomes. Responsabilidade penal e Justiça de Transição na América Latina: uma revisão de literatura. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

5.
Camilla Crivillin. Gênero e Justiça de Transição: uma revisão de literatura. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

6.
Manuela Azevedo Pedreira Melo. Sistema prisional e transição democrática: uma revisão de literatura. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

7.
Maria Luiza Rosa Diniz Rodrigues. O discurso dos juristas brasileiros na década de 1930: comparação entre o projeto de Código Penal Alcântara Machado e o Novo Código Penal de 1940. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

8.
Luisa Teresa Hedler Ferreira. A violência contra a adolescente mulher no Código Penal de 1940: estudo comparativo do discurso jurídico penal construído no debate sobre a presunção de violência no estupro e as representações da sexualidade das mulheres adolescentes na obra Lolita (1955) de Vladimir Nabokov.. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

9.
Ana Paula Del Vieira Duque. Modernização e seletividade do controle penal no Brasil na década de 1930: uma análise das decisões penais de contravenção penal de vadiagem. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

10.
Augusto César Valle Rodrigues da Costa. O debate parlamentar e o debate dos juristas acerca da contravenção de vadiagem na década de 1930. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Universidade de Brasília, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.

11.
Nathasha Simões Cerri Letizio. O desenvolvimento do conceito de periculosidade social para os autores clássicos da Criminologia Positivista da Europa do século XIX. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Direito) - Complexo de Ensino Superior de Santa Catarina Ltda, Estado de Santa Catarina. Orientador: Camila Cardoso de Mello Prando.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
ESTEVES CALAZANS, M.2016ESTEVES CALAZANS, M. ; DUARTE, E. P. ; PRANDO, C. C. M. ; CAPPI, R. . Criminologia Crítica e Questão Racial. Caderno do Ceas Revista Crítica de Humanidades, v. 238, p. 450-463, 2016.

2.
PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO2016PRANDO, CAMILA CARDOSO DE MELLO; DUQUE, ANA PAULA DEL VIEIRA . Direito como tecnologia de gênero: a tortura contra as mulheres nos inquéritos militares (1964-1979). Universitas Jus, v. 27, p. 57-65, 2016.


Apresentações de Trabalho
1.
PRANDO, C. C. M.; DUARTE, E. P. . Tráfico de ideias: problematização das categorias recepção e centro-periferia na pensamento criminológico crítico no Brasil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
PRANDO, C. C. M.. Criminologia Crítica e estudos críticos sobre branquidade: uma análise do III Encontro Brasileiro de Criminologia. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
PRANDO, C. C. M.. História e Controle no caso Rafael Braga. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).



Outras informações relevantes


De abril de 2011 a outubro de 2011 - licença maternidade.
De junho de 2013 a dezembro de 2013 - licença maternidade.
Desde 2017, conselheira do NEPem/Unb no Conselho de Direitos da Mulher do Governo do Distrito Federal.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 14/11/2018 às 12:11:24