Aristônio Magalhães Teles

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1464201907983484
  • Última atualização do currículo em 11/12/2018


Aristônio Magalhães Teles é Licenciado Pleno em Ciências Biológicas pela Universidade Católica do Salvador (UCSal), Mestre em Botânica pela Universidade de Brasília (UnB) e Doutor em Biologia Vegetal pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). RealizouPós-Doutorado no Herbário do Jardim Botânico Real de Kew, no Reino Unido e no Herbário do Museu Nacional de História Natural em Paris, na França, como parte do Programa Reflora do CNPq. Atualmente é Professor Associado do Departamento de Botânica da Universidade Federal de Goiás. Tem se dedicado ao estudo taxonômico da família Asteraceae no Brasil. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Aristônio Magalhães Teles
Nome em citações bibliográficas
TELES, A. M.;BFG - The Brazil Flora Group;Teles, A.M.;Aristônio M. Teles;Aristônio Teles;Aristônio Magalhães Teles;TELES, ARISTÔNIO MAGALHÃES;TELES, ARIST?NIO MAGALH?ES

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Goiás, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Botânica.
Universidade Federal de Goiás - UFG - Campus II, Instituto de Ciências Biológicas (ICB), Departmento de Botânica
Vila Itatiaia
74690900 - Goiânia, GO - Brasil
Telefone: (62) 35211889
Fax: (62) 35211190
URL da Homepage: www.icb.ufg.br


Formação acadêmica/titulação


2004 - 2008
Doutorado em Biologia Vegetal.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Contribuição ao estudo taxonômico da tribo Astereae no Brasil e Senecioneae (Asteraceae) no estado de Minas Gerais, Ano de obtenção: 2008.
Orientador: João Renato Stehmann.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Compositae; Revisão Taxonômica; Biodiversidade; Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.
2002 - 2004
Mestrado em Botânica.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: A TRIBO ASTEREAE (ASTERACEAE) NO DISTRITO FEDERAL, BRASIL,Ano de Obtenção: 2004.
Orientador: Carolyn Elinore Barnes Proença.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Biodiversidade; Compositae; Flora; Sistemática; Taxonomia; Astereae.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal / Especialidade: Taxonomia de Asteraceae.
Setores de atividade: Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.
1997 - 2002
Graduação em Ciências Biológicas.
Universidade Católica do Salvador, UCSAL, Brasil.
Título: FLORA DO PARQUE METROPOLITANO DE PITUAÇU E SEUS ARREDORES, SALVADOR, BAHIA: COMPOSITAE.
Orientador: Hortensia Pousada Bautista.


Pós-doutorado


2013 - 2013
Pós-Doutorado.
Royal Botanic Gardens, Kew, RBG-KEW, Inglaterra.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
2013 - 2013
Pós-Doutorado.
Muséum National d'Histoire Naturelle, MNHN, França.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.


Formação Complementar


2018 - 2018
Flipped Classroom - Aula invertida. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2013 - 2013
Databasing of Herbarium specimens using Brahms sof.
Royal Botanic Gardens, Kew, RBG-KEW, Inglaterra.
2013 - 2013
Digital imaging using HerbScan technology.
Royal Botanic Gardens, Kew, RBG-KEW, Inglaterra.
2009 - 2009
Extensão universitária em 1º Workshop de editores científicos da UFG. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2008 - 2008
XVI Curso de Editoração Científica da ABEC. (Carga horária: 16h).
Associação Brasileira de Editores Científicos, ABEC, Brasil.
2001 - 2001
Ilustração Botânica. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.
2001 - 2001
A Pesquisa Etnobotânica Um Estudo da Etnobotânica. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
2001 - 2001
Nomenclatura Botânica. (Carga horária: 45h).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
2001 - 2001
Curso Intensivo de Taxidermia. (Carga horária: 60h).
Universidade Católica do Salvador, UCSAL, Brasil.
2001 - 2001
Restinga Métodos de Estudos Fitossociológicos. (Carga horária: 20h).
Universidade Católica do Salvador, UCSAL, Brasil.
2000 - 2000
Fisiologia de Plantas Em Stress Salino e Hídrico. (Carga horária: 6h).
Universidade Estadual de Feira de Santana, UEFS, Brasil.
2000 - 2000
Cultivo e Manejo de Orquídeas. (Carga horária: 5h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
1999 - 1999
Cultivo de Orquídeas. (Carga horária: 6h).
Universidade Católica do Salvador, UCSAL, Brasil.
1998 - 1998
Técnicas de Biologia Molecular. (Carga horária: 6h).
Universidade Católica do Salvador, UCSAL, Brasil.
1997 - 1997
Manejo de Resíduos Sólidos. (Carga horária: 6h).
Universidade Católica do Salvador, UCSAL, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2018 - Atual
Ensino, Engenharia Florestal, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia e Taxonomia Vegetal
03/2018 - Atual
Ensino, Abi - Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia e Sistemática de Espermatófitas
03/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Ciências Biológicas, .

Cargo ou função
Conselheiro da Comissão de Avaliação Docente.
8/2013 - 03/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Botânica.

Cargo ou função
Membro titular da Comissão de Avaliação de Projetos do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade Vegetal.
09/2011 - 03/2017
Ensino, Biodiversidade Vegetal, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemática e Filogenia de Angiospermas
Evidências Morfológicas Aplicadas à Taxonomia
08/2013 - 12/2013
Ensino, Abi - Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemática dos Vegetais Superiores e Botânica Econômica
08/2013 - 10/2013
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Farmacobotânica (módulo de morfologia e taxonomia dos Espermatófitos)
03/2011 - 03/2013
Direção e administração, Instituto de Ciências Biológicas, .

Cargo ou função
Subcoordenador do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade Vegetal.
08/2011 - 02/2013
Direção e administração, Instituto de Ciências Biológicas, .

Cargo ou função
Subcoordenador do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade Vegetal.
03/2012 - 07/2012
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Farmacobotânica
03/2012 - 07/2012
Ensino, Ecologia e Análise Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia e Taxonomia Vegetal
03/2012 - 06/2012
Ensino, Biodiversidade Vegetal, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemática e Filogenia de Angiospermas
02/2010 - 07/2010
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemática dos Vegetais Superiores e Botânica Econômica
02/2010 - 07/2010
Ensino, Ecologia e Análise Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia e Taxonomia Vegetal
02/2010 - 05/2010
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Famacobotânica (módulo de Morfologia e Taxonomia de Fanerógamos)
08/2009 - 12/2009
Ensino, Ecologia e Análise Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia e Taxonomia Vegetal
08/2009 - 12/2009
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemática dos Vegetais Superiores e Botânica Econômica
08/2009 - 10/2009
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Farmacobotânica (Módulo I - Morfologia e Taxonomia dos Espermatófitos)
03/2009 - 07/2009
Ensino, Zootecnia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia e Taxonomia Vegetal
03/2009 - 05/2009
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Farmacobotânica (Módulo 1: Morfologia e Taxonomia das Espermatófitas)
06/2008 - 12/2008
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemática dos Vegetais Superiores e Botânica Econômica
08/2008 - 10/2008
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Farmacobotânica - Módulo de Morfologia e Taxonomia Vegetal

Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Professor adjunto substituto, Enquadramento Funcional: Professor adjunto substituto, Carga horária: 20

Atividades

03/2008 - 05/2008
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Instrumentação em Botânica
Taxonomia de Criptógamos
08/2005 - 03/2006
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Botânica
Botânica I (Botânica geral, de criptógamos à fanerógamos)
Botânica Aplicada à Farmácia
Laboratório de Ensino de Botânica
03/2005 - 07/2005
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Laboratório de Ensino de Botânica
Botânica Aplicada à Farmácia
Botânica I (Botânica geral, de crptógamos à fanerógamos)
08/2004 - 12/2004
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Botânica
Laboratório de Ensino de Botânica
Botânica I (Botânica geral, de criptógamos à fanerógamos)
4/2004 - 7/2004
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Botânica Aplicada à Farmácia
Botânica I (Botânica Geral, de criptógamos à fanerógamos)
Laboratório de Ensino de Botânica

Herbário Radambrasil, HRB, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2002
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário voluntário, Carga horária: 20

Atividades

2/2000 - 04/2002
Estágios , Ibge, .

Estágio realizado
Montagem de exsicatas, e identificação de material botânico..

Cetrel S A Empresa de Proteção Ambiental, CETREL S.A., Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2000
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Tecnológica Industrial, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

7/2000 - 11/2000
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Biologia, .

Escola Estadual de 1º Grau Daniel Lisboa, ESCOLA, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 1999
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Professor estagiário, Carga horária: 20

Atividades

2/1999 - 12/1999
Estágios , Direc, 1b.

Estágio realizado
Estágio na rede estadual de ensino, lecionando para turmas de 5ª e 6ª séries.

Escola Estadual Maria Amélia Santos, ESCOLA*, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 1999
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Professor estagiário, Carga horária: 20

Atividades

8/1998 - 1/1999
Estágios , Direc, 1b.

Estágio realizado
Estágio na rede estadual de ensino, lecionando para turmas de 5ª a 8ª séries.

Universidade Federal da Bahia, UFBA, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2000
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 12
Outras informações
Estágio de treinamento para as atividades que seriam realizadas na CETREL S.A.

Atividades

5/2000 - 7/2000
Estágios , Instituto de Biologia, Departamento de Botânica.

Estágio realizado
Treinamento para as atividades que seriam realizadas na CETREL S.A..


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
TAXONOMIA E FLORÍSTICA DE ASTERACEAE NA REGIÃO CENTRO-OESTE DO BRASIL
Descrição: Esta proposta consiste em um projeto mais amplo relativo à minha linha central de pesquisa, Sistemática e florística de Asteraceaes, e corresponde aos principais projetos em andamento ou em fase de implantação e coordenados por mim. Na parte de sistemática há uma ênfase nos gêneros Calea L. (Neurolaenae), Mikania Willd. (Eupatorieae) e nas espécies da tribo Senecioneae. No que tange à florística a ênfase é nas áreas serranas e campestres do Estado de Goiás, especialmente os Parques Estaduais da Serra Dourada e de Caldas Novas. O projeto consiste no momento de dois subprojetos coordenados pelo proponente: 1- Estudo taxonômico do gênero Calea L. (Neurolaenae) na região Centro-Oeste do Brasil; e 2- Florística e Taxonomia da família Asteraceae em Goiás, Brasil. O subprojeto 1 já encontra-se em andamento e conta com a colaboração de dois pesquisadores (um da UFBA e outro da UFU), além de um discente do Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade Vegetal da Universidade Federal de Goiás (PPGBV/UFG) que desenvolve o seu projeto de dissertação sob a minha orientação. O subprojeto 2 é de longa duração e engloba estudos taxonômicos e florísticos envolvendo a família Asteraceae no Estado de Goiás que vem sendo conduzidos há cerca de seis anos com a colaboração de pesquisadores de outras Instituições Federais de Ensino (UFBA e UFU) e diversos estudantes de pós-graduação e graduação, e que teve apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás ? FAPEG e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq. Estes subprojetos tem como núcleo comum a realização de estudos de diversidade e riqueza de Asteraceae na região Centro-Oeste do Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Coordenador / Gustavo Henrique Lima da Silva - Integrante / Joyce Caroline Freire - Integrante / Rogério Neves Ribeiro - Integrante / Hugo Elias do Amaral - Integrante / Julliana Pegorari Zoccoli - Integrante / Nayane Veiga de Oliveira - Integrante / Thainara Caetano Freire - Integrante.
2011 - 2015
Sistemática e repatriamento das Astereae e Senecioneae (Asteraceae) do Brasil depositadas nos herbários do Royal Botanic Gardens de Kew e do Muséum National d?Histoire Naturelle de Paris
Descrição: Asteraceae é considerada a mais rica família em número de espécies entre as Angiospermas, com cerca de 23.000 a 32.000 espécies, agrupadas em 1535 a 1600 gêneros, 24 tribos e cinco subfamílias, representando cerca de 10% da flora mundial. Não obstante o tamanho e a importância da família para a flora brasileira, as Asteraceae ainda carecem de estudos taxonômicos. Dentre as tribos que compõe a família Astereae e Senecioneae se destacam pela complexidade e tamanho de alguns gêneros, como por exemplo, os gêneros Baccharis e Senecio. Ambas as tribos são bastante representativas na flora brasileira, especialmente nos Cerrados, nos Campos Rupestres e nos Campos de Altitude das montanhas das regiões Sudeste e Sul do Brasil. No entanto, as espécies brasileiras destes dois grupos carecem de estudos florísticos e taxonômicos. Essa carência dá‐se em parte pela dificuldade de identificarem‐se as espécies pertencentes a estas duas tribos. Daí a necessidade de localizarem‐se os espécimes‐tipo depositados nos herbários do Royal Botanic Gardens de Kew, na Inglaterra, e do Muséum National d?Histoire Naturelle de Paris, França (que são considerados os principais herbários europeus); designar as modalidades destes materiais‐tipo, além de validar a correta identidade dos espécimes pertencentes às coleções históricas do século XVIII, XIX e XX depositadas nestes herbários; criando‐se um banco de dados com imagens e com informações como distribuição geográfica e status de conservação de espécies que outrora ocupavam ambientes que hoje estão urbanizados. Incrementando a Lista de Espécies da Flora do Brasil e promovendo desta forma a ampliação do conhecimento, uso sustentável e conservação da flora brasileira..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Coordenador / Jimi Naoki Nakajima - Integrante / Nádia Roque - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundo Nacional de Desenv. Cientifico e Tecnologico - Auxílio financeiro / Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações - Auxílio financeiro / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 3
2010 - 2014
DIVERSIDADE, FISIOLOGIA E FITOQUIMICA DE PLANTAS DO CERRADO
Descrição: O Núcleo de Excelência em Plantas do Cerrado tem como característica a realização de estudos estruturais e funcionais de plantas, algas cianobactérias e macrofungos ocorrentes no Cerrado de Goiás. Os objetivos gerais do Núcleo são: 1)-coletar e inventariar as espécies de plantas, macrofungos, algas e cianobactérias, ocorrentes no bioma Cerrado; 2)- analisar a dinâmica e distribuição de metabólitos não estruturais de plantas macrofungos, algas e cianobactérias ocorrentes no bioma Cerrado; 3)- realizar o fracionamento biomonitorado de plantas do bioma Cerrado; 4)- analisar as propriedades biológicas de plantas do bioma Cerrado; 5)- síntese e análise das propriedades biológicas de nanopartículas magnéticas;6)-motivar e criar meios para a capacitação e atualização contínua de pesquisadores nas áreas de interesse do Núcleo. Para alcançarmos os objetivos propostos pretende-se criar um banco de dados com informações sobre as espécies vegetais, de macrofungos, de cianobactérias e de algas ocorrentes no bioma Cerrado, destacando-se as espécies com substâncias de importância fitoquímica já estudadas e as que virão a ser estudadas no presente projeto. Além disso, espera-se apresentar os resultados de forma sistematizada e acessível aos órgãos que atuam no desenvolvimento de estratégias para a conservação ambiental, valorizando-se a flora local bem como enriquecer os acervos dos herbários do Estado de Goiás e também da região Centro-Oeste. A análise da dinâmica das substâncias fenólicas e de componentes majoritários nas folhas de espécies de Pteridophyta, Rubiaceae, Herreriaceae, Asteraceae, Lamiaceae e Curcubitaceae bem como de toxinas de cianobactérias e euglenophyceae será feita através de técnicas analíticas de alta resolução, como HPLC e LC-MS. Pretende-se ainda verificar a variação anual dos teores de metabólitos primários e secundários das espécies estudadas. Os extratos brutos e frações serão obtidos e submetidos a ensaios biomonitorados a fim de isolarmos os compostos.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (10) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Integrante / Hortensia Pousada Bautista - Integrante / Jimi Naoki Nakajima - Integrante / Vera Lucia Gomes Klein - Integrante / Maria Helena Rezede - Integrante / Letícia de Almeida Gonçalves - Integrante / Moemy Gomes de Moraes - Integrante / Ina de Souza Nogueira - Integrante / LIDIA ANDREU GUILLO - Coordenador / ANA SÍLVIA FRANCO PINHEIRO MOREIRA - Integrante / CECÍLIA MARIA ALVES DE OLIVEIRA - Integrante / ELISANGELA DE PAULA SILVEIRA LACERDA - Integrante / EMÍLIA CELMA DE OLIVEIRA LIMA - Integrante / LEE CHEN CHEN - Integrante / LUCILIA KATO - Integrante / TOMÁS DE AQUINO PORTES - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2010 - Atual
METABOLISMO, REGULAÇÃO DE CARBOIDRATOS E ECOFISIOLOGIA DE PLANTAS DE CAMPOS CERRADOS E CAMPOS RUPESTRES: RESPOSTAS A ESTRESSES AMBIENTAIS
Descrição: Este projeto abrange a interação do Instituto de Botânica de São Paulo, Universidade Federal de Goiás e Universidade Estadual de Montes Claros para a análise das estratégias fisiológicas de plantas ocorrentes em campos cerrados e campos rupestres..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2014
ESTUDO FLORÍSTICO DO PARQUE ESTADUAL DA SERRA DOURADA, GOIÁS, BRASIL
Descrição: A região Centro-Oeste do Brasil tem sido alvo de poucos estudos florísticos. Dentre os estudos efetuados nesta região destacam-se alguns realizados na regiãoda Chapada dos Veadeiros, Serra Dourada e Serra dos Pireneus. No entanto, essas publicações limitam-se a listagens preliminares de espécies e análises fitossociológicas. Depois de uma criteriosa avaliação dos fatores mais importantes, foi concluído que o Parque Estadual da Serra Dourada (PESD) representa uma área ideal para um projeto piloto enfocado o levantamento florístico. Entre os fatores considerados, está o fácil acesso a área, a razoável distância entre esta e a sede do projeto (Universidade Federal de Goias), o estado de conservação da vegetação e o escasso conhecimento da flora da Serra Dourada. O PESD foi criado em 5 de junho de 2003, através do decreto 5.768 e se localiza nos Municípios de Mossâmedes, Goiás e Buritis de Goiás, a cerca de 131 km da capital do estado de Goiás, Goiânia. O PESD compreende áreas de cerrado, campo limpo, campo sujo, cerradão, floresta úmida semi-decídua, floresta de galeria e vegetação de formações rupestres, como o cerrado rupestre. Destaca-se ainda a Reserva Biológica da Universidade Federal de Goiás ?Prof. José Ângelo Rizzo?, que será incluída no estudo. O presente projeto tem por objetivo principal o levantamento florístico e a caracterização das principais formações vegetacionais existentes no PESD, com vistas ao conhecimento e conservação das espécies e formações naturais existentes na área. O projeto será realizado durante o período de 01 de dezembro de 2009 a 30 de setembro de 2011. Como um dos principais resultados das atividades a serem desenvolvidas neste projeto, espera-se uma listagem completa de todas as espécies localizadas no PESD, com informações sobre a nomenclatura científica e popular, fenologia, habitat e com um destaque maior para as espécies endêmicas, raras e em perigo de extinção, com vistas a propiciar sua proteção e conservação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Coordenador / João Renato Stehmann - Integrante / Marcos Sobral - Integrante / Vera Lucia Gomes Klein - Integrante / Heleno Dias Ferreira - Integrante / Thiago Henrique Silva Sampaio - Integrante / Cecília Gomes de Sousa - Integrante / Climbiê Ferreira Hall - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás - Auxílio financeiro.Número de orientações: 8
2009 - 2011
ASTERACEAE E BROMELIACEAE DA RESERVA BIOLÓGICA PROF. JOSÉ ÂNGELO RIZZO, SERRA DOURADA, GOIÁS, BRASIL
Descrição: A Reserva Biológica Prof. José Ângelo Rizzo, localiza-se no município de Mossâmedes, entre as coordenadas 16º00?-16º04? S e 50º11?-50º30? W. A Reserva corresponde a uma superfície de 144.46.87 ha e encontra-se na porção superior da Área de Proteção Ambiental da Serra Dourada. O local caracteriza-se por um gradiente fisionômico que vai desde a floresta de galeria em sua base, até a formação rupestre em altitudes superiores a 700 m. Dentre as diversas famílias de plantas encontradas na Reserva, Asteraceae e Bromeliaceae destacam-se pela notória abundância e riqueza de gênero e espécies. Atualmente a família Asteraceae é considerada a mais rica em número de espécies entre as Angiospermas, com cerca de 23.000 a 32.000 espécies, agrupadas em 1535 a 1600 gêneros, 24 tribos e 5 subfamílias, representando cerca de 10% da flora mundial. Asteraceae é cosmopolita, isto se dá devido ao extraordinário poder de adaptação ambiental que as espécies da família possuem, podendo ser encontradas nos mais diversos habitats, preferencialmente em ambientes campestres, e em condições climáticas variadas, em regiões tropicais, subtropicais e até temperadas. No Brasil estima-se que a família esteja representada por 300 gêneros e aproximadamente 2000 espécies. Já as Bromeliaceae possui 2921 espécies distribuídas em 56 gêneros e está tradicionalmente dividida nas três subfamílias: Pitcairnioideae, Tillandsioideaee e Bromelioideae. As bromélias são nativas das regiões tropicais e subtropicais, ocorrendo desde a América do Norte (estados da Virgínia e Texas), até a América do Sul nas regiões centrais da Argentina e do Chile com exceção de uma única espécie, Pitcairnia feliciana, que ocorre na África, na região da Guiné. Lamentavelmente há uma excassez de trabalhos com espécies das duas famílias para a região Centro-Oeste, especialmente para o estado de Goiás. Para o estado de Goiás não há nenhum trabalho de Floristica envolvendo a família Bromeliaceae. Já envolvendo a família Asteraceae há apena.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Coordenador / Vera Lucia Gomes Klein - Integrante / Sérgio Tadeu Sibov - Integrante / José Flávio Vinhandeli - Integrante / Thiago Henrique Silva Sampaio - Integrante / Cecília Gomes de Sousa - Integrante.
2009 - Atual
Flora de Goiás e Tocantins (Coleção Rizzo): Asteraceae
Descrição: Compreende a confecção de chaves para identificação, ilustrações, mapas de distribuição e a descrição dos gêneros e espécies da família Asteraceae ocorrentes nos estados de Goiás e Tocantins, Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Coordenador.Número de orientações: 1
2008 - 2016
Sistemática e Filogenia Molecular do Gênero Senecio, seções Adamantina e Paranaia (Asteraceae - Senecioneae)
Descrição: O projeto visa investigar a filogenia e revisar a classificação infragenérica das espécies de Senecio das seções Adamantina e Paranaia através de uma análise cladística baseada em seqüências de DNA nuclear e plastidial (psbA-trnH, 5? e 3? trnK, e trnL). Essa análise possibilitará uma melhor compreensão das relações filogenéticas entre as espécies das referidas seções, bem como a revisão taxonômica destas espécies, tendo em vista uma futura revisão completa do gênero para o Brasil, além de fornecer dados para investigar a evolução morfológica e diversificação do gênero no Novo Mundo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Integrante / João Aguiar Nogueira Batista - Coordenador / Fernanda Santos Freitas - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2004 - 2011
Flora da Serra do Cipó, Minas Gerais: Asteraceae - Senecioneae
Descrição: Compreende a confecção de chaves para identificação e a descrição dos gêneros e espécies da tribo Senecioneae (Asteraceae) ocorrentes na Serra do Cipó, no estado de Minas Gerais, Brasil..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2008
Sinopse da tribo Astereae (Asteraceae) no Brasil
Descrição: Compreende a confecção de chaves para identificação dos gêneros ocorrentes no Brasil, assim como lista de espécies e respectivos sinônimos nomenclaturais, além de distribuição das espécies nos estados do Brasil.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2008
A tribo Senecioneae (Asteraceae) em Minas Gerais, Brasil
Descrição: Compreende a confecção de chaves para identificação e a descrição dos gêneros e espécies da tribo Senecioneae (Asteraceae) ocorrentes no estado de Minas Gerais, Brasil..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2018 - Atual
Que árvore é essa? Conhecendo as árvores empregadas na arborização do campus Samambaia da Universidade Federal de Goiás
Descrição: O campus Samambaia da Universidade Federal de Goiás (UFG) ocupa uma área de aproximadamente 4.662.400 m2 com inúmeras áreas verdes de convívio comum e de circulação de usuários do campus. A beleza do cenário natural do campus se dá sobretudo pela presença de árvores, muitas das quais, remanescentes do Bosque August Saint-Hilaire e outras, na sua maioria, exóticas, que foram plantadas ao longo dos anos. Estas árvores prestam um serviço ambiental fundamental para a comunidade do campus e do seu entorno, pois auxiliam na atenuação do calor e na estabilidade climática, na redução dos níveis de poluição visual, sonora e atmosférica, além de servirem para refugio para a vida silvestre que habita a área. Além de atuarem como promotoras do bem-estar dos usuários do campus e da comunidade circunvizinhas muitas das espécies de árvores presentes no campus chamam a atenção da comunidade pela sua exuberância e beleza, além de serem utilizadas como material didático e de pesquisa por docentes, técnicos e discentes da UFG. No entanto, estas plantas encontram-se sem placas que as identifique. Diante disto, propõem-se neste projeto de extensão realizar a identificação das espécies de árvores utilizadas na arborização do campus, por meio de plaqueamento dos espécimes encontrados em áreas de convívio e de passagem de usuários do campus. Cada espécime selecionado receberá uma placa contendo nome popular, nome científico, nome da família botânica e um código QR (QR Code) que remeterá o usuário para uma página na internet com fotografias e informações botânicas e ecológicas da espécie. Espera-se ao final de execução dos cinco anos do projeto ter-se os seguintes resultados: a) Banco de dados sobre as espécies arbóreas ocorrentes no campus; b) Espécimes arbóreos ocorrentes em áreas de convívio e de circulação de usuários do campus identificados através de placas informativas; c) Página acessível pelo código QR presente nas placas com informações botânicas e ecológicas sobre cada espécie; d) Sensibilização da comunidade acadêmica e usuária do campus quanto a importância das árvores como promotoras de bem-estar humano e prestadoras de serviços ambientais..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Aristônio Magalhães Teles - Coordenador / Heleno Dias Ferreira - Integrante / Edivani Villaron Franceschinelli - Integrante / Maria Helena Rezende - Integrante / Letícia de Almeida Gonçalves - Integrante / Moemy Gomes de Moraes - Integrante / Ina de Souza Nogueira - Integrante / Rogério Neves Ribeiro - Integrante / Julliana Pegorari Zoccoli - Integrante / Edson Ferreira Duarte - Integrante / Renê Gonçalves da Silva Carneiro - Integrante / Dalva Graciano Ribeiro - Integrante / Francis Júlio Fagundes Lopes - Integrante / Jascieli Carla Bortolini - Integrante / José Maurício Pereira G. Ogata - Integrante / José João Cruvinel - Integrante / Leonardo Magno Martins - Integrante / Maria Beatriz Esteves Bernardes - Integrante.


Membro de corpo editorial


2016 - Atual
Periódico: Revista Eletrônica de Educação da Faculdade Araguaia - RENEFARA
2013 - 2015
Periódico: Acta Botanica Brasílica (Impresso)
2008 - 2010
Periódico: Revista de Biologia Neotropical


Revisor de periódico


2008 - 2008
Periódico: Brittonia (Bronx)
2009 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Biociências
2008 - 2008
Periódico: Revista Brasileira de Biociências
2008 - Atual
Periódico: Revista de Biologia Neotropical
2009 - 2009
Periódico: Biota Neotropica
2009 - Atual
Periódico: Rodriguesia
2013 - Atual
Periódico: Boletim de Botânica
2015 - 2015
Periódico: Sitientibus. Série Ciências Biológicas
2015 - 2015
Periódico: Heringeriana
2015 - 2015
Periódico: Phytotaxa: a rapid international journal for accelerating the publication o
2013 - 2015
Periódico: Acta Botanica Brasílica (Impresso)
2017 - 2017
Periódico: REVISTA ELETRÔNICA DE EDUCAÇÃO DA FACULDADE ARAGUAIA - RENEFARA


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia de Asteraceae.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Botânica Aplicada.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Morfologia Vegetal.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia de Fanerógamos.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Latim
Lê Pouco.


Prêmios e títulos


2012
Patrono turma de formandos em Ciências Biológicas da UFG 2012, UFG.
2007
Patrono da turma de Licenciatura em Ciências Biológicas do turno noturno da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Universidade Federal de Minas Gerais.
2006
Aprovado em terceiro lugar no concurso para professor assistente na Universidade Federal de Goiás - UFG, Universidade Federal de Goiás, campus de Jataí.
2006
Aprovado no concurso para professor assistente na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia - UFRB, Universidade Federal da Bahia, campus de Cruz das Almas.
2006
Paraninfo da turma de Licenciatura em Ciências Biológicas do turno noturno da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Universidade Federal de Minas Gerais.
2001
Aprovado em 11º lugar no concurso público para Biólogo da prefeitura de Salvador, Bahia., Prefeitura de Salvador.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:2
Total de citações:0
Fator H:0
Teles AM  Data: 08/05/2013

SCOPUS

Artigos completos publicados em periódicos

1.
ROQUE, N.2018ROQUE, N. ; TELES, A. M. ; MOURA, L. ; PACHECO, R. A. ; SILVA, G. H. L. ; ALVES, M. ; NAKAJIMA, J. N. . Check-list de Asteraceae no estado de Mato Grosso do Sul, Brasil. IHERINGIA SERIE BOTANICA, v. 73, p. 147-156, 2018.

2.
SILVA, G. H. L.2018SILVA, G. H. L. ; TELES, A. M. . Calea (Asteraceae, Neurolaeneae) no estado de Goiás, Brasil. Rodriguesia, v. 69, p. 1851-1875, 2018.

3.
TELES, ARISTÔNIO MAGALHÃES2018TELES, ARISTÔNIO MAGALHÃES. Senecio espiritosantensis (Compositae: Senecioneae), a new species from Espírito Santo, Brazil. Phytotaxa (on-line), v. 334, p. 297-300, 2018.

4.
RIBEIRO, R. N.2018RIBEIRO, R. N. ; TELES, A. M. . Nomenclatural novelties in Lessingianthus (Asteraceae - Vernonieae): an extraordinary new species, a lectotypification, and a new combination from a resurrected synonym. ACTA BOTANICA BRASILICA, p. 1-6, 2018.

5.
MOREL, LUCAS JUNQUEIRA DE FREITAS2017MOREL, LUCAS JUNQUEIRA DE FREITAS ; AZEVEDO, BRUNA CESTARI DE ; CARMONA, FÁBIO ; CONTINI, SILVIA HELENA TALEB ; TELES, ARISTÔNIO MAGALHÃES ; RAMALHO, FERNANDO SILVA ; BERTONI, BIANCA WALÉRIA ; DE CASTRO FRANÇA, SUZELEI ; DE CARVALHO BORGES, MARCOS ; PEREIRA, ANA MARIA SOARES . A standardized methanol extract of Eclipta prostrata (L.) L. (Asteraceae) reduces bronchial hyperresponsiveness and production of Th2 cytokines in a murine model of asthma. Journal of Ethnopharmacology, v. 198, p. 226-234, 2017.

6.
Sampaio, T.H.S.2017Sampaio, T.H.S. ; Teles, A.M. . A new combination in Qualea subg. Amphilochia (Vochysiaceae) from Brazilian Cerrado. Phytotaxa (on-line), v. 311, p. 293-296, 2017.

7.
SILVA, G. H. L.2017SILVA, G. H. L. ; TELES, A. M. . Ten years later: a new species of Aspilia (Asteraceae-Heliantheae) from Chapada dos Veadeiros, Goiás, Brazil. Phytotaxa (on-line), v. 314, p. 117-122, 2017.

8.
GUERRA, I. J.2016GUERRA, I. J. ; ROCHA, J. D. ; VALE, C. R. ; SOUSA, W. C. ; TELES, A. M. ; CHEN-CHEN, L. ; CARVALHO, S. ; BAILAO, E. F. L. C. . Vernonanthura polyanthes leaves aqueous extract enhances doxorubicin genotoxicity in somatic cells of Drosophila melanogaster and presents no antifungal activity against Candida spp.. Brazilian Journal of Biology (Online), p. ahead of print, 2016.

9.
Teles, A.M.2016 Teles, A.M.; Stehmann, J.R. . A tribo Senecioneae (Asteraceae) em Minas Gerais, Brasil. Rodriguesia, v. 67, p. 455-487, 2016.

10.
SILVA, G. H. L.2016SILVA, G. H. L. ; BRINGEL JR., J. B. ; TELES, A. M. . A new species of Calea (Asteraceae?Neurolaeneae) from Goiás State, Brazil. Phytotaxa (Online), v. 265, p. 279-284, 2016.

11.
TELES, A. M.2016 TELES, A. M.; VIANA, P. L. ; Esteves, R.L. . Taxonomic novelties in Praxelis (Asteraceae, Eupatorieae): a new species and a new combination. Phytotaxa (on-line), v. 278, p. 48-054, 2016.

12.
RIBEIRO, R. N.2015RIBEIRO, R. N. ; TELES, A. M. . Eupatorieae (Asteraceae) no Parque Estadual da Serra Dourada, Goiás, Brasil. Rodriguésia (Online), v. 66, p. 887-903, 2015.

13.
BFG - The Brazil Flora Group2015 BFG - The Brazil Flora Group ; Teles, A.M. . Growing knowledge: an overview of Seed Plant diversity in Brazil. Rodriguesia, v. 66, p. 1085-1113, 2015.

14.
OLIVEIRA, C. C.2015OLIVEIRA, C. C. ; SILVA, M. J. ; TELES, A. M. . Senecio L. (Asteraceae, Senecioneae) no Estado do Rio de Janeiro, Brasil. Hoehnea, v. 42, p. 703-724, 2015.

15.
MOREIRA, G. L.2014MOREIRA, G. L. ; TELES, A. M. . A tribo Vernonieae Cass. (Asteraceae) na Serra Dourada, Goiás, Brasil. Iheringia. Série Botânica, v. 69, p. 357-385, 2014.

16.
Tavares, W.S.2013Tavares, W.S. ; Fretias, S.S. ; TELES, A. M. ; GRAEL, C. F. F. ; ASSIS JUNIOR, S. L. ; LIAO, L. M. ; Serrão, J.E. ; Zanuncio, J.C. . Potential of aromatic and medicinal plant extracts from Cerrado biome to control the velvetbean caterpillar Anticarsia gemmatalis. Boletín Latinoamericano y del Caribe de Plantas Medicinales y Aromáticas, v. 12, p. 372-384, 2013.

17.
TELES, A. M.2013TELES, A. M.; Freitas, F.S. . Senecio hortensiae (Senecioneae, Asteraceae): a new species from Espírito Santo, Brazil. Phytotaxa (Online), v. 142, p. 46-50, 2013.

18.
PETACCI, F.2012PETACCI, F. ; Tavares, W.S. ; Fretias, S.S. ; TELES, A. M. ; Serrão, J.E. ; Zanuncio, J.C. . Phytochemistry and quantification of polyphenols in extracts of the Asteraceae weeds from Diamantina, Minas Gerais State, Brazil. Planta Daninha (Impresso), v. 30, p. 9-15, 2012.

19.
NAKAJIMA, J. N.2012NAKAJIMA, J. N. ; Junqueira, T.V. ; Freitas, F.S. ; TELES, A. M. . Comparative analysis of red lists of the Brazilian flora: Asteraceae. Rodriguésia (Online), v. 63, p. 039-054, 2012.

20.
TELES, A. M.2011TELES, A. M.; Stehmann, J.R. . Flora da Serra do Cipó, MInas Gerais: Asteraceae - Senecioneae. Boletim de Botânica, v. 29, p. 57-68, 2011.

21.
MAGENTA, Mara Angelina Galvão2011MAGENTA, Mara Angelina Galvão ; SEMIR, João ; Heiden, G. ; TELES, A. M. ; SOUZA BURITI, F. O. ; NAKAJIMA, J. N. ; PIRANI, José Rubens ; MONGE, M. ; RITTER, M. ; ROQUE, Nadia ; R. Esteves ; V. Gonçalves-Esteves ; Borges, R.A.X. ; SIMÃO, Rosangela Bianchini . Checklist of Spermatophyta of the São Paulo State, Brazil: Asteraceae. Biota Neotropica (Edição em Português. Online), v. 11, p. 212-228, 2011.

22.
TELES, A. M.2010TELES, A. M.; MEIRELES, L. D. . A new species of Senecio (Asteraceae: Senecionae) from southeastern Brazil.. BRITTONIA, v. 62, p. 178-182, 2010.

23.
TELES, A. M.2010TELES, A. M.; SOBRAL, M. ; NAKAJIMA, J. N. . A new species of Lepidaploa (Cass.) Cass. (Vernonieae: Asteraceae) from Southeastearn Brazil. Rodriguesia, v. 61, p. 101-103, 2010.

24.
TELES, A. M.2010TELES, A. M.. Nova combinação e chave revisada para Dendrophorbium (Asteraceae ? Senecioneae) no Brasil. RODRIGUÉSIA (IMPRESSO), v. 61, p. 143-145, 2010.

25.
TELES, A. M.2009TELES, A. M.; NAKAJIMA, J. N. ; Stehmann, J.R. . Senecio albus, a new species of Senecio sect. Adamantina (Senecioneae - Asteraceae) with an emendment to the section. KEW BULLETIN, v. 64, p. 161-165, 2009.

26.
TELES, A. M.2008TELES, A. M.; Stehmann, J.R. . Plantae, Magnoliophyta, Asterales, Asteraceae, Senecioneae, Pentacalia desiderabilis and Senecio macrotis: Distribution extensions and first records for Bahia, Brazil. Check List (UNESP), v. 4, p. 62-64, 2008.

27.
TELES, A. M.2008 TELES, A. M.; SOBRAL, M. ; Stehmann, J.R. . Synopsis of Leptostelma (Asteraceae: Astereae). Compositae Newsletter, v. 46, p. 1-7, 2008.

28.
TELES, A. M.2008TELES, A. M.; NORDENSTAM, B. . A new species of Graphistylis (Asteraceae: Senecioneae) from Minas Gerais, Brazil. Compositae Newsletter, v. 46, p. 76-82, 2008.

29.
TELES, A. M.2008TELES, A. M.; Stehmann, J.R. . Um novo nome em Conyza (Asteraceae - Astereae). RODRIGUÉSIA (IMPRESSO), v. 59, p. 399-400, 2008.

30.
FANK-DE-CARVALHO, S. M.2008FANK-DE-CARVALHO, S. M. ; TELES, A. M. ; CAMPOS, M. B. E. S. ; SILVA, P. I. T. ; ANDRADE, L. A. A. ; SANTOS, M. R. R. ; ARAUJO, R. F. ; PEREIRA, T. A. ; PROENÇA, C. E. B. . Levantamento florístico do Parque Olhos D'Água, Brasília, DF, Brasil.. Boletim do Herbário Ezechias Paulo Heringer, v. 2, p. 23-37, 2008.

31.
TELES, A. M.2006TELES, A. M.; NAKAJIMA, J. N. ; Stehmann, J.R. . Dendrophorbium restingae (Asteraceae: Senecioneae), a new species from São Paulo, Brazil. SIDA, Contributions to Botany (Cessou em 2006), v. 22, n.1, p. 123-128, 2006.

32.
TELES, A. M.2006TELES, A. M.; Bautista, H.P. . Asteraceae no Parque Metropolitano de Pituaçu, Salvador, Bahia, Brazil. Lundiana (UFMG), v. 7, p. 87-96, 2006.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
ROQUE, Nadia (Org.) ; TELES, A. M. (Org.) ; NAKAJIMA, J. N. (Org.) . A família Asteraceae no Brasil: classificação e diversidade. 1. ed. Salvador: Edufba, 2017. 260p .

Capítulos de livros publicados
1.
ROQUE, Nadia ; TELES, A. M. ; NAKAJIMA, J. N. . Introdução. In: Nádia Roque; Aristônio Magalhães Teles; Jimi Naoki Nakajima. (Org.). A família Asteraceae no Brasil: classificação e diversidade. 1ed.Salvador: Edufba, 2017, v. , p. 19-35.

2.
TELES, A. M.; Freitas, F.S. . Tribo Senecioneae Cass.. In: Nádia Roque; Aristônio Magalhães Teles; Jimi Naoki Nakajima. (Org.). A família Asteraceae no Brasil: classificação e diversidade. 1ed.Salvador: Edufba, 2017, v. , p. 123-130.

3.
TELES, A. M.; HEIDEN, G. ; SCHNEIDER, A. . Tribo Astereae Cass.. In: Nádia Roque; Aristônio Magalhães Teles; Jimi Naoki Nakajima. (Org.). A família Asteraceae no Brasil: classificação e diversidade. 1ed.Salvador: Edufba, 2017, v. , p. 139-147.

4.
NAKAJIMA, J. N. ; DEMATTEIS, M. ; LOEUILLE, B. ; TELES, A. M. ; Heiden, G. ; SCHNEIDER, A. ; RITTER, M. ; OLIVEIRA, C. T. ; HATTORI, E. K. O. ; ROQUE, N. ; FERREIRA, S. C. ; MAGENTA, Mara Angelina Galvão ; BRINGEL JR., J. B. ; R. Esteves ; ALMEIDA, G. S. S. ; SAAVEDRA, M. ; MONGE, M. ; SOARES, P. N. ; SANCHO, G. ; MONDIN, C. A. ; FERNANDES, A. C. ; PEREIRA, A. C. M. . Asteraceae. In: Gustavo Martinelli; Miguel Ávila Moraes. (Org.). Asteraceae. 1ed.Rio de Janeiro: Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, 2013, v. , p. 203-286.

5.
TELES, A. M.; HATTORI, E. K. O. . Asteraceae. In: Claudia Maria Jacob; Flávia Fonseca do Carmo. (Org.). Diversidade Florística nas Cangas do Quadrilátero Ferrífero. Belo Horizonte: , 2012, v. , p. 82-90.

6.
Bautista, H.P. ; TELES, A. M. . Estudos florísticos da família Asteraceae no Brasil: retrospectiva e desafios. In: Carlos Wallace do Nascimento Moura; Tânia Regina dos Santos Silva; Ana Maria Giulietti-Harley; Francisco de Assis Ribeiro dos Santos. (Org.). Botânica Brasileira: futuro e compromisso. Salvador: EDUNEB, 2009, v. , p. 441-451.

7.
TELES, A. M.; LOEUILLE, B. ; HATTORI, E. K. O. ; HEIDEN, G. ; Bautista, H.P. ; GROKOVISKI, L. ; RITTER, M. ; SAAVEDRA, M. ; ROQUE, N. ; SOARES, P. N. ; BORGES, R. A. X. ; LIRO, R. M. . Asteraceae. In: Stehmann, J.R.; Forzza, R.C.; Salino, A.; Sobral, M.; Costa,, D.P.; Kamino, L.H.Y.. (Org.). Plantas da Floresta Atlântica. Rio de Janeiro: Jardim Botânico do Rio de Janeiro, 2009, v. , p. 150-173.

8.
NAKAJIMA, J. N. ; TELES, A. M. ; RITTER, M. ; MONDIN, C. A. ; DEMATTEIS, M. ; HEIDEN, G. ; BORGES, R. A. X. ; RIVERA, V. L. ; BRINGEL JR., J. B. ; SAAVEDRA, M. ; PEREIRA, R. C. A. ; MELO, M. R. C. S. . Asteraceae. In: Giulietti, A.M.; Rapini, A.; Queiroz, L.P.. (Org.). Catálogo de espécies de plantas raras no Brasil. Feira de Santana: Conservação Internacioal Brasil, 2008, v. , p. -.

9.
TELES, A. M.; PROENÇA, C. E. B. . A tribo Astereae (Asteraceae) no Distrito Federal, Brasil (no prelo). In: Taciana Barbosa Cavalcanti. (Org.). Flora do Distrito Federal. : , 2006, v. , p. -.

10.
TELES, A. M.; NAKAJIMA, J. N. . Asteraceae do Brasil Ameaçadas de Extinção. In: Mariah, J.E.A.; Santos, R.P.. (Org.). Os Avanços da Botânica no Início do Século XXI: morfologia, fisiologia, taxonomia, ecologia e genética. Porto Alegre: Sociedade Botânica do Brasil, 2006, v. , p. 212-215.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
TELES, A. M.. Associação Nacional dos Pós-Graduandos (ANPG) participa do Fórum Nacional em Defesa da Escola Pública. JC e-mail, 09 ago. 2004.

2.
TELES, A. M.. A Falta de Financiamento para as Pesquisas Taxonômicas. Jornal da Ciência E-mail, 18 fev. 2004.

3.
TELES, A. M.. Na Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei dos Pós-Graduandos. Jornal da Ciência E-mail, 24 out. 2003.

4.
TELES, A. M.. Leitor Comenta Matéria Biodiversidade Sustentável. Jornal da Ciência E-mail, 25 set. 2003.

5.
TELES, A. M.. Movimento Estudantil, Unidade de Forças e Pós-Graduação. Jornal da Ciência E-mail, 02 set. 2003.

6.
TELES, A. M.. A Desvalorização das Bolsas de Estudo e o Impacto Sobre os Pós-Graduandos.. Jornal da Ciência E-mail., 26 ago. 2003.

7.
TELES, A. M.. A Importância da Participação das Associações de Pós-Graduandos (APGs) no XXVIII Conselho Nacional de Associações de Pós-Graduandos (Conap).. Jornal da Ciência E-mail., 28 mar. 2003.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
LOURES, S. O. ; SILVA, M. M. A. C. ; DUARTE, E. F. ; TELES, A. M. ; Ferreira, H.D. ; AONA, L. Y. S. . Existe variação nas síndromes de dispersão de plantas nas fitofisionomias da Serra Dourada, Goiás, Brasil?. In: XII Mostra Acadêmico-científica e Cultural em Ciências Biológicas / II Simpósio do Curso de Ciências Biológicas da UEMA, 2017, São Luís. XII Mostra Acadêmico-científica e Cultural em Ciências Biológicas / II Simpósio do Curso de Ciências Biológicas da UEMA. São Luís: UEMA, 2017.

2.
COSTA, M.A. ; MENEZES, C.W.G. ; TAVARES, W.S. ; PETACCI, F. ; GOTT, R.M. ; TELES, A. M. . RELAÇÃO ENTRE A COMPOSIÇÃO FITOQUÍMICA E O EFEITO DETERRENTE DE EXTRATOS DE PLANTAS DANINHAS SOBRE A LAGARTA-DO-CARTUCHO. In: XXVII Congresso Brasileiro da Ciência das Plantas Daninhas, 2010, Ribeirão Preto. XXVII Congresso Brasileiro da Ciência das Plantas Daninhas, 2010. p. 3348-3352.

3.
COSTA, M.A. ; MENEZES, C.W.G. ; TAVARES, W.S. ; PETACCI, F. ; GOTT, R.M. ; TELES, A. M. . SELETIVIDADE DE EXTRATOS DE PLANTAS DANINHAS SOBRE Spodoptera frugiperda (LEPIDOPTERA: NOCTUIDAE) E SEUS INIMIGOS NATURAIS. In: XXVII Congresso Brasileiro da Ciência das Plantas Daninhas, 2010, Ribeirão Preto. XXVII Congresso Brasileiro da Ciência das Plantas Daninhas, 2010. p. 3353-3357.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
TELES, A. M.; Sousa, C.G. . A família Asteraceae para a Flora de Goiás e Tocantins - dados preliminares. In: VI Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão da Universidade Federal de Goiás, 2009, Goiânia. Anais do VI Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão "Ciência e Desenvolvimento Regional". Goiânia, 2009. p. 8386-8390.

2.
TELES, A. M.; Stehmann, J.R. . SINOPSE DA TRIBO ASTEREAE (ASTERACEAE) NO BRASIL. In: 57º Congresso Nacional de Botânica, 2006, Gramado. 57º Congresso Nacional de Botânica, 2006.

3.
FANK-DE-CARVALHO, S. M. ; TELES, A. M. ; CAMPOS, M. B. E. S. ; ANDRADE, L. A. A. ; SANTOS, M. R. R. ; SILVA, P. I. T. ; ARAUJO, R. F. ; PEREIRA, T. A. ; PROENÇA, C. E. B. . LEVANTAMENTO FLORÍSTICO DO PAQUE OLHOS D'ÁGUA, BRASÍLIA, DF, BRASIL. In: 57° CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2006, GRAMADO. Resumos Expandidos do 57° Congresso Nacional de Botânica, 2006.

4.
TELES, A. M.; Bautista, H.P. . BIODIVERSIDADE DA TRIBO SENECIONEAE (COMPOSITAE) NA BAHIA COMO CONTRIBUIÇÃO PARA A FLORA DO ESTADO. In: 53ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC, 2001, Salvador. 53ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC. Salvador: UFBA, 2001.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
RIBEIRO, R. N. ; ZOCCOLI, J. P. ; TELES, A. M. . Eupatorieae Cass. (Asteraceae) no Parque Estadual da Serra de Caldas Novas, Goiás, Brasil. In: 67° Congresso Nacional de Botânica, 2016, Vitória. 67° Congresso Nacional de Botânica - conectando diversidades, revelando o desconhecido, 2016.

2.
RIBEIRO, R. N. ; ALMEIDA NETO, M. ; TELES, A. M. . Eupatorieae Cass. (Asteraceae) no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Goiás, Brasil. In: 67° Congresso Nacional de Botânica, 2016, Vitória. 67° Congresso Nacional de Botânica - conectando diversidades, revelando o desconhecido, 2016.

3.
TEIXEIRA, R. C. ; TELES, A. M. . Vochysiaceae A. St. Hil. na Serra dos Pirineus, Goiás: diversidade e similaridade florística em áreas de Cerrado no Brasil. In: 67° Congresso Nacional de Botânica, 2016, Vitória. 67° Congresso Nacional de Botânica - conectando diversidades, revelando o desconhecido, 2016.

4.
Sampaio, T.H.S. ; TELES, A. M. . Vochysiaceae A. St.-Hil. no Parque Estadual da Serra de Caldas Novas, Goiás, Brasil. In: 67° Congresso Nacional de Botânica, 2016, Vitória. 67° Congresso Nacional de Botânica - conectando diversidades, revelando o desconhecido, 2016.

5.
Sampaio, T.H.S. ; TELES, A. M. . Vochysiaceae A. St.-Hil. no Parque Estadual da Serra Dourada, Goiás, Brasil. In: 67° Congresso Nacional de Botânica, 2016, Vitória. 67° Congresso Nacional de Botânica - conectando diversidades, revelando o desconhecido, 2016.

6.
TELES, A. M.. Uma nova espécie de Senecio L. (Asteraceae ? Senecioneae) do Espírito Santo, Brasil.. In: Uma nova espécie de Senecio L. (Asteraceae ? Senecioneae) do Espírito Santo, Brasil., 2014, Salvador. Anais LXV Congresso Nacional de Botânica e XXXIV Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, Salvador, Bahia., 2014.

7.
GUIDA, R. S. ; SILVA, G. H. L. ; TELES, A. M. . A ?ALIANÇA HELIANTHEAE? (ASTERACEAE) NA SERRA DOURADA, GOIÁS, BRASIL.. In: LXV Congresso Nacional de Botânica e XXXIV Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, Salvador, Bahia., 2014, Salvador. Resumos - LXV Congresso Nacional de Botânica e XXXIV Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, Salvador, Bahia., 2014.

8.
FREIRE, J. C. ; AMARAL, H. E. ; PORTES, J. J. ; TELES, A. M. . ASTERACEAE NO CAMPUS II DA UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS, GOIÂNIA ? UFG, BRASIL.. In: Anais LXV Congresso Nacional de Botânica e XXXIV Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, Salvador, Bahia., 2014, Salvador. Anais LXV Congresso Nacional de Botânica e XXXIV Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, Salvador, Bahia., 2014.

9.
Freitas, F.S. ; TELES, A. M. . NOVA OCORRÊNCIA DE DENDROPHORBIUM RESTINGAE A. TELES, J.N. NAKAJ. &STEHMANN; (ASTERACEAE: SENECIONEAE) NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, BRASIL.. In: XI Congreso Latinoamericano de Botánica /LXV Congresso Nacional de Botânica, 2014, Salvador. Anais XI Congreso Latinoamericano de Botánica /LXV Congresso Nacional de Botânica,, 2014.

10.
GUIDA, R. S. ; TELES, A. M. . NOVOS REGISTROS PARA A TRIBO EUPATORIEAE (ASTERACEAE) EM GOIÁS, BRASIL.. In: LXV Congresso Nacional de Botânica e XXXIV Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, Salvador, Bahia., 2014, Salvador. Anais LXV Congresso Nacional de Botânica e XXXIV Encontro Regional de Botânicos MG, BA e ES, Salvador, Bahia., 2014.

11.
OLIVEIRA, C. C. ; SILVA, M. J. ; TELES, A. M. . Senecio L. (Asteraceae - Senecioneae) para o estado do Rio de Janeiro, Brasil. In: 64° Congresso Nacional de Botânica, 2013, Belo Horizonte. Resumos do 64° Congresso Nacional de Botânica, 2013.

12.
TELES, A. M.; MOREIRA, G. L. . Estudo taxonômico da tribo Vernonieae (Asteraceae) ocorrente na Serra Dourada, Goiás, Brasil.. In: 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013, Belo Horizonte. Anais do 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013.

13.
MOREIRA, G. L. ; TELES, A. M. . A tribo Vernonieae Cass. (Asteraceae) na Serra Dourada, Goiás, Brasil.. In: 10º Conpeex - Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão da UFG, 2013, Goiânia. Anais do 10º Conpeex - Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão da UFG, 2013.

14.
Freitas, F.S. ; TELES, A. M. ; PIACESI, M. ; KAMINO, L. H. . EM BUSCA DO MELHOR MODELO DE DISTRIBUIÇÃO POTENCIAL PARA Senecio adamantinus Bong. (SENECIONEAE, ASTERACEAE).. In: 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013, Belo Horizonte. Anais do 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013.

15.
Freitas, F.S. ; TELES, A. M. . Senecio hortensiae (SENECIONAE, ASTERACEAE): UMA NOVA ESPÉCIE DO ESPÍRITO SANTO, BRASIL.. In: 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013, Belo Horizonte. Anais do 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013.

16.
TELES, A. M.; SILVA, M. J. . Vegetação e Flora da Serra Dourada, Goiás, Brasil. In: 63° Congresso Nacional de Botânica, 2012, Joinville. Resumos - 63° Congresso Nacional de Botânica, 2012.

17.
MOREIRA, G. L. ; TELES, A. M. . Checklist da tribo Vernonieae Cass. (Asteraceae) da Serra Dourada, Goiás, Brasil.. In: 63º Congresso Nacional de Botânica, 2012, Joinville. Anais do 63º Congresso Nacional de Botânica / Florística e Fitossociologia, 2012.

18.
Sampaio, T.H.S. ; TELES, A. M. . Bromeliaceae da Reserva Biológica Prof. José Ângelo Rizzo, Serra Dourada, Goiás, Brasil. In: Jornada Nacional de Iniciação Científica - 63° Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, 2011, Goiânia. Resumos - Jornada Nacional de Iniciação Científica - 63° Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência, 2011.

19.
TELES, A. M.; MEIRELES, L. D. . Uma nova espécie de Senecio L. (Asteraceae: Senecioneae) para o sudeste do Brasil. In: 60º Congresso Nacional de Botânica, 2009, Feira de Santana. Botânica Brasileira: futuro e compromissos, 2009.

20.
TELES, A. M.. Flora da Serra do Cipó, Minas Gerais: Asteraceae - Senecioneae. In: 60º Congresso Nacional de Botânica, 2009, Feira de Santana. Botânica Brasileira: futuro e compromissos, 2009.

21.
Souza, M.A. ; TELES, A. M. ; Esteves, R.L. ; Gonçalves-Esteves, V. . ESTUDO PALINOTAXONÔMICO DE GRPHISTYLIS B. NORD. (ASTERACEAE - SENECIONEAE). In: 59º Congresso Nacional de Botânica, 2008, Natal. 59º Congresso Nacional de Botânica "Atualidades, desafios e perspectivas da Botânica no Brasil". Natal: Imagem Gráfica, 2008.

22.
TELES, A. M.; Stehmann, J.R. . A TRIBO SENECIONEAE (ASTERACEAE) EM MINAS GERAIS, BRASIL. In: 59º Congresso Nacional de Botânica, 2008, Natal. 59º Congresso Nacional de Botânica "Atualidades, deafios e perspectivas da Botânica no Brasil". Natal, 2008.

23.
TELES, A. M.; PROENÇA, C. E. B. . A TRIBO ASTEREAE (ASTERACEAE) NO DISTRITO FEDERAL, BRASIL. In: 59º Congresso Nacional de Botânica, 2008, Natal. 59º Congresso Nacional de Botânica "Atualidades, desafios e prespectivas da Botânica no Brasil", 2008.

24.
TELES, A. M.; Stehmann, J.R. . ESTUDO MORFO-COMPARATIVO DE TRÊS ESPÉCIES DO GÊNERO BACCHARIS L. (ASTERACEAE: ASTEREAE). In: 56º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2005, Curitiba. 56º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2005.

25.
TELES, A. M.; Stehmann, J.R. . REVISÃO TAXONÔMICA DO GÊNERO STYLOTRICHIUM MATFF. - ASTERACEAE: EUPATORIEAE. In: 56º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2005, Curitiba. 56º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2005.

26.
TELES, A. M.. A ETNOBOTÂNICA. In: XI SEMINÁRIO MINEIRO DE PLANTAS MEDICINAIS / 2ª JORNADA FARMACÊUTICA DE DIAMANTINA, 2005, Diamantina. XI SEMINÁRIO MINEIRO DE PLANTAS MEDICINAIS / 2ª JORNADA FARMACÊUTICA DE DIAMANTINA: RESUMO DOS TRABALHOS, 2005. p. 20-20.

27.
MELO, P. H. A. ; TELES, A. M. ; SOBRAL, M. . GARDNERINA ANGUSTATA (GARDNER) R.M. KING & H. ROB. (ASTERACEAE: EUPATORIEAE): PRIMEIRA CITAÇÃO PARA MINAS GERAIS E SEGUNDA COLETA PARA O BRASIL. In: 56º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2005, Curitiba. Resumos do 56º Congresso Nacional de Botânica, 2005.

28.
TELES, A. M.; PROENÇA, C. E. B. . ANATOMIA PECIOLAR E ARQUITETURA FOLIAR DE Baccharis tridentata VAHL (ASTERACEAE: ASTEREAE). In: 54º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA / 3º REUNIÃO AMAZÔNICA DE BOTÂNICA, 2003, Belém - Ananindeua. 54º Congresso Nacional de Botânica / 3ª Reunião Amazônica de Botânica - Desafios da Botânica no Novo Milênio: Inventário, Sistematização, Conservação e Uso da Diversidade Vegetal.. Belém - Ananideua, 2003.

29.
TELES, A. M.; Bautista, H.P. . DIVERSIDADE DA FAMÍLIA COMPOSITAE NO MUNICÍPIO DE SALVADOR, BAHIA COMO CONTRIBUIÇÃO PARA A FLORA DO ESTADO - DADOS PRELIMINARES. In: 53º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2002, Recife. 53º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA. Recife, 2002.

30.
TELES, A. M.; Bautista, H.P. . FLORA DO PARQUE METROPOLITANO DE PITUAÇU E SEUS ARREDORES, SALVADOR, BAHIA: COMPOSITAE. In: 52º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, 2001, João Pessoa. 52º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA - RESUMOS. João Pessoa, 2001. p. 2535-235.

31.
TELES, A. M.; Melo, P. N. . PLANO PARA REALIZAÇÃO DE SEMINÁRIOS DE PESQUISA NO INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS - UCSAL. In: SEMANA DO BIÓLOGO, 2001, Salvador. SEMANA DO BIÓLOGO. Salvador: UCSAL, 2001.

32.
TELES, A. M.; Bautista, H.P. ; Tinôco, M. . FLORA DO PARQUE METROPOLITANO DE SALVADOR E SEUS ARREDORES, SALVADOR, BAHIA: COMPOSITAE - "UMA PROPOSTA MONOGRÁFICA". In: SEMANA DO BIÓLOGO, 2001, Salvador. SEMANA DO BIÓLOGO. Salvador: UCSAL, 2001.

33.
TELES, A. M.; AZEVEDO, C. O. ; ALVES, R. M. O. . INVENTÁRIO FLORÍSTICO DO MUNICÍPIO DE CATU, BAHIA: ORCHIDACEAE. In: XXII Encontro Regional de Botânicos - Seccional MG, BA, ESl, 2000, Feira de Santana. XXII ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - RESUMOS. Feira de Santana: Impresa Universitária / UEFS, 2000. p. 71.

34.
TELES, A. M.; AZEVEDO, C. O. ; FERREIRA, M. C. ; ALVES, R. M. O. . ORCHIDACEAE DO HERBÁRIO RADAMBRASIL / IBGE-BA. In: XXII Encontro Regional de Botânicos - Seccional MG, BA, ES, 2000, Feira de Santana. XXII ERBOT - Encontro Regional de Botânicos - RESUMOS. Feira de Santana: Impresa Universitária / UEFS, 2000. p. 72.

35.
TELES, A. M.; AZEVEDO, C. O. ; ALVES, R. M. O. . INVENTÁRIO FLORÍSTICO DO MUNICÍPIO DE CATU, BAHIA: ORCHIDACEAE. In: III SEMANA DE MOBILIZAÇÃO CIENTÍFICA - SEMOC, 2000, Salvador. III SEMANA DE MOBILIZAÇÃO CIENTÍFICA - SEMOC. Salvador: UCSAL, 2000.

Artigos aceitos para publicação
1.
ROQUE, N. ; RIBEIRO, R. N. ; TELES, A. M. . A New Species of Moquiniastrum (Asteraceae: Gochnatieae) for Brazil and Comments About of the Genus. Systematic Botany, 2019.

2.
PEREIRA, F. C. ; SOUZA, L. F. ; GUILHERME, F. A. G. ; FREIRE, J. C. ; TELES, A. M. . Diversidade das Asteraceae em um campo de murundus no sudoeste de Goiás, Brasil. Rodriguesia, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
Teles, A.M.. O casamento de D. Pedro I com a Arquiduqueza Leopoldina e o seu impacto na Botânica no Brasil: 200 anos de história. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Teles, A.M.. A fascinante família das margaridas: caracterização, diversidade e importância. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
Teles, A.M.. Asteraceae: uma família difícil ou mal compreendida?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
TELES, A. M.. ÁREA DE PESQUISA EM CIÊNCIAS BIOLÓGICAS NA UFG: BOTÂNICA. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
TELES, A. M.. Status of knowledge and prospects of study of Senecio (Asteraceae) in Brazil. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
TELES, A. M.. Riqueza e endemismo das Asteraceae nos campos rupestres da Cadeia do Espinhaço. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
TELES, A. M.. Contribuição ao estudo taxonômico da tribo Astereae no Brasil e Senecioneae (Asteraceae) no estado de Minas Gerais 2008 (Tese de Doutorado).

2.
TELES, A. M.. A TRIBO ASTEREAE (ASTERACEAE) NO DISTRITO FEDERAL, BRASIL 2004 (Dissertação de Mestrado).

3.
TELES, A. M.. FLORA DO PARQUE METROPOLITANO DE PITUAÇU E SEUS ARREDORES, SALVADOR, BAHIA: COMPOSITAE 2001 (Monografia de Graduação).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
Teles, A.M.. Avaliador dos trabalhos da área de Botânica submetidos à 29° Semana do ICB. 2018.

2.
Teles, A.M.. Avaliador de trabalhos apresentados na forma de pôster na 28ª do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Goiás. 2017.

3.
TELES, A. M.. Consulor 'ad hoc' no Projeto de Dissertação junto ao Programa de Pós-Graduação 'stricto sensu' em Biodiversidade Vegetal da Universidade do Estado da Bahia - UNEB. 2015.

4.
TELES, A. M.. Consultor no CAP (Comitê de Avaliação de Processos) de Credenciamento de Intituição Fiel Depositária. 2011.

5.
TELES, A. M.. Avaliador ad-hoc de projeto de pesquisa submetido na seleção do programa de bolsas de Iniciação Científica, da área de Ciências Biológicas, da Universidade do Estado da Bahia. 2010.

6.
TELES, A. M.. Assessoria "ad hoc" ao Programa de Pós-Graduação em Biologia Vegetal da Universidade Federal de Minas Gerais. 2009.

Trabalhos técnicos
1.
TELES, A. M.. Coordenador da família Asteraceae para a Flora de Goiás e Tocantins (Coleção Rizzo). 2009.

2.
TELES, A. M.. Coordenador da família Asteraceae na elaboração da lista das espécies de plantas vasculares da Mata Atlântica.. 2008.

3.
TELES, A. M.. Parecerista ad-hoc da área de Ciências Biológicas no processo de seleção de projetos e estudantes para bolsas de iniciação científica da Universidade do Estado da Bahia - UNEB. 2008.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
ROQUE, N. ; TELES, A. M. ; NAKAJIMA, J. N. ; ALVES, M. . Profissão margaritólogo. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).


Demais tipos de produção técnica
1.
Teles, A.M.. Introdução à Morfologia e Taxonomia de Asteraceae. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
TELES, A. M.; Vieira, P.M. . Metodologias Aplicadas ao Ensino de Biologia. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
TELES, A. M.. Etnobotânica. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
TELES, A. M.. A Etnobotânica. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
TELES, A. M.; NAKAJIMA, J. N.; Ferreira, H.D.. Participação em banca de Rogério Neves Ribeiro. Eupatorieae Cass. (Asteraceae) no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros: diversidade e similaridade florística entre áreas do bioma Cerrado. 2017. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

2.
TELES, A. M.; Klein, V.L.G.; SHIMIZU, G. H.. Participação em banca de Thiago Henrique Silva Sampaio. Vochysiaceae nos Parques Estaduais da Serra de Caldas Novas e da Serra Dourada e sua sinopse para o estado de Goiás. 2017. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

3.
MANSANARES, M. E.; TELES, A. M.; SOBRAL, M.. Participação em banca de William dos Santos Ribeiro. A tribo Astereae Cass. (Asteraceae) no Complexo de Serras da Bocaina - Carrancas e Ouro Grosso - MG. 2017. Dissertação (Mestrado em Botânica Aplicada) - Universidade Federal de Lavras.

4.
TELES, A. M.; SOUZA, L. F.; SHIMIZU, G. H.. Participação em banca de Rayna. VOCHYSIACEAE A.ST.-HIL. NA SERRA DOS PIRENEUS, GOIÁS E SIMILARIDADE FLORÍSTICA EM ÁREAS DE CERRADO NO BRASIL. 2017. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

5.
TELES, A. M.; ROQUE, N.; SILVA, M. J.. Participação em banca de Gustavo Henrique Lima da Silva. Estudos taxonômicos do gênero Calea L. (Neurolaeneae: Asteraceae) na região Centro-Oeste do Brasil. 2016. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

6.
FRANSCESCHINELLI, E. V.; TELES, A. M.; ANTONINI, Y.. Participação em banca de Grayce Kelly da Costa Oliveira. Efeito do tamanho da área nativa na reprodução de Trypoxylon (Trypargilum) lactitarse Saussure, 1867 (Hymenoptera: Crabrondae). 2016. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

7.
SILVA, M. J.; TELES, A. M.; MANSANO, V. F.. Participação em banca de Lorena Lana Camelo Antunes. O gênero Aeschynomene L. (Leguminosae, Papilioinoideae, Dalgergieae sensu lato) no Estado de Goiás, Brasil. 2015. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

8.
TELES, A. M.; MARZINEK, J.; FERREIRA, S. C.. Participação em banca de Izabela Moreira Franco. Asteraceae do Parque Estadual do Biribiri, Diamantina, Minas Gerais: tribos Barnadesieae, Mutisieae s.l., Astereae e Senecioneae. 2014. Dissertação (Mestrado em BIOLOGIA VEGETAL) - Universidade Federal de Uberlândia.

9.
TELES, A. M.; SANCHES, M. C.; FERREIRA, S. C.. Participação em banca de Rodrigo Andrade Pacheco. A família Asteraceae na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2014. Dissertação (Mestrado em BIOLOGIA VEGETAL) - Universidade Federal de Uberlândia.

10.
TELES, A. M.; ROQUE, N.; SILVA, M. J.. Participação em banca de Giselle Lopes Moreira. A tribo Vernonieae (Asteraceae) na Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2013. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

11.
ROQUE, N.; TELES, A. M.; AMORIM, A. M. A.. Participação em banca de Helen Ayumi Ogasawara. Estudos Taxonômicos na subtribo Vernoniinae (Vernonieae, Asteraceae) no estado da Bahia. 2013. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade Estadual de Feira de Santana.

12.
CIANCIARUSO, M. V.; CASTRO, T. A. P. E.; TELES, A. M.. Participação em banca de Joicy Martins Morais. Experimentos de remoção de plantas: abordagem cienciométrica e estudo de caso. 2013. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

13.
TELES, A. M.; Gonçalves, L.A.; Ferreira, H.D.; SILVA, K. L. F.. Participação em banca de Luma Mota Palmeira Trindade. Anatomia, tricomas glandulares e fitoquímica de Lomatozona artemisiifolia Baker (Asteraceae - Eupatorieae) - uma planta endêmica do Cerrado de Goiás. 2013. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

14.
TELES, A. M.; Vranceschinelli, E.V.; CONSOLARO, H. N.; OLIVEIRA, P. E.. Participação em banca de Tulio Freitas Figueiras de Sá. Biologia reprodutiva de espécies de Psychotria (Rubiaceae) em um remanescente de Mata Mesofítica do Sudeste Goiano. 2013. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

15.
NAKAJIMA, J. N.; TELES, A. M.; Romero, R.. Participação em banca de Eric Koiti Okiyama Hattori. Asteraceae da Estação Ecológica do Panga, Uberlândia, Minas Gerais. 2009. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais) - Universidade Federal de Uberlândia.

16.
Klein, V.L.G.; Barros, F.; TELES, A. M.; Vranceschinelli, E.V.. Participação em banca de Climbiê Ferreira Hall. Orchidaceae do Parque Estadual da Serra de Caldas Novas, Goiás, Brasil. 2009. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

17.
TELES, A. M.; PROENÇA, C. E. B.; Valls, J.F.M.. Participação em banca de Maria Raquel de Raquel Cota. Apiaceae Lindl. (Umbelliferae Juss.) em Goiás e Tocantins, Brasil.. 2009. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade de Brasília.

18.
Sibov, S.T.; Silva, S.P.; Pires, L.L.; Carneiro, M.F.; TELES, A. M.. Participação em banca de Luiz Valério Afiune Costa. Aspectos fenológicos e cultivo in vitro de Bromelia reversacantha Mez (Bromeliaceae). 2009. Dissertação (Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal)) - Universidade Federal de Goiás.

Teses de doutorado
1.
Gonçalves-Esteves, V.; MENDONCA, C. B. F.; HAIAD, B. S.; TELES, A. M.; NAKAJIMA, J. N.. Participação em banca de Raquel Maria Batista Souza de Souza. Asteraceae do Parque Nacional do Itatiaia. 2018. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Botânica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
COLLEVATTI, R.; TELES, A. M.. Participação em banca de Advaldo Carlos de Souza Neto. Estrutura filogenética de assembléias de árvores do Cerrado: compreendendo a biogeografia e história evolutiva do bioma. 2016. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

3.
Batista, J.A.N.; ROQUE, N.; TELES, A. M.; ASSIS, L. C. S.; Stehmann, J.R.. Participação em banca de Ana Claudia Fernandes. Sistemática de Heterocondylus R.M. King & H. Rob. (Eupatorieae, Asteraceae). 2014. Tese (Doutorado em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
GROPPO JUNIOR, M.; Klein, V.L.G.; MENDONCA, A. R.; TELES, A. M.; BOCKMANN, F. A.. Participação em banca de Ismael Martins Pereira. Ecologia, conservação e aspectos taxonômicos do gênero neotropical Davilla Vand. (Dilleniaceae). 2014. Tese (Doutorado em Biologia Comparada) - Universidade de São Paulo.

5.
LOMBARDI, J. A.; MORAES, P. L. R.; KINOSHITA, L. S.; OLIVEIRA, M. T. L.; TELES, A. M.. Participação em banca de Eliana Ramos. Revisão taxonômica de Sabiaceae Blume para o Neotrópico. 2012. Tese (Doutorado em Ciencias Biologicas (Biologia Vegetal)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

6.
Rezende, M.H.; Ribeiro, D.G.; Klein, V.L.G.; Stevaux, M.N.; Paula, J.R.; Gonçalves, L.A.; TELES, A. M.; Bara, M.T.F.. Participação em banca de Heleno Dias Ferreira. Morfologia e Filogenia, Taxonomia, Anatomia Foliar e Fitoquímica de espécies do gênero Hyptis Jacq. (Labiatae) ocorrentes em Goiás e Tocantins. 2009. Tese (Doutorado em CIÊNCIAS BIOLÓGICAS) - Universidade Federal de Goiás.

Qualificações de Doutorado
1.
TELES, A. M.; Klein, V.L.G.; FRANSCESCHINELLI, E. V.; Sant'Ana, C.E.R.. Participação em banca de Alexandre Curcino. Categorias alimentares da avifauna: análise da distribuição vertical em seis localidades de Cerrado. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

2.
TELES, A. M.; Moura, E.N.F.; Rodrigues, M.. Participação em banca de Joaquim de Araújo Silva. Mutualismo. 2008. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia, Conservacao e Manejo da Vida Silvestre) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Qualificações de Mestrado
1.
Teles, A.M.; BORTOLINI, J. C.; SILVA, M. J.. Participação em banca de Uglâinia Sardinha do Amaral. Taxonomia revisitada e anatomia foliar de Manihot sect. Quinquelobae Pax (Euphorbiaceae, Crotonoideae, Manihoteae). 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

2.
SILVA, M. J.; Teles, A.M.; ALONSO, A. A.. Participação em banca de Thainara Policarpo Mendes. Revião taxonômica de Chamaecrista sect. Absus, subsect. Absus, ser. Paniculatae (Benth.) H.S. Irwin & Barneby (Leguminosae, Caesalpinioideae, Cassiinae). 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

3.
SILVA, M. J.; TELES, A. M.; Ferreira, H.D.. Participação em banca de Rodolfo Caneiro Sodré. Sistemática de Croton sect. Geiseleria (A. Gray) Baill. (Euphorbiaceae) na região Centro-Oeste do Brasil. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

4.
FRANSCESCHINELLI, E. V.; TELES, A. M.; PEREIRA, M. F.. Participação em banca de Grayce Kelly da Costa Oliveira. Efeito do tamanho da área nativa na reprodução de um polinizador (Trypoxylon lactitarse Saussure). 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

5.
TELES, A. M.; FRANSCESCHINELLI, E. V.; Ferreira, H.D.. Participação em banca de Rogério Neves Ribeiro. Eupatorieae Cass. (Asteraceae) no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros: diversidade e similaridade florística entre áreas do bioma Cerrado. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

6.
SILVA, M. J.; TELES, A. M.; Ferreira, H.D.. Participação em banca de Danielle de Oliveira Diniz. Estudos taxonomicos sobre a tribo Microlicieae Triana (Melastomataceae) no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Goiás, Brasil. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

7.
TELES, A. M.; Klein, V.L.G.; SOUZA, L. F.. Participação em banca de Rayna Chaves Teixeira. Vochysiaceae A. St. Hil. na Serra dos Pirineus, Goiás: diversidade e similaridade florística em áreas de Cerrado no Brasil. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

8.
TELES, A. M.; SILVA, M. J.; Klein, V.L.G.. Participação em banca de Gustavo Henrique Lima da Silva. Estudos taxonômicos de Calea L. (Asteraceae: Neurolaenae) na região Centro-Oeste do Brasil. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

9.
TELES, A. M.; FRANSCESCHINELLI, E. V.; Santos, M.L.. Participação em banca de Elga de Fátima Almeida. Biologia Floral e Sistema de Autoincompatibilidade de Bauhinia brevipes Vogel (Fabaceae), no município de Goiás-GO. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

10.
TELES, A. M.; CONSOLARO, H. N.; Santos, M.L.. Participação em banca de Raphael Matias da Silva. Plantas Ornitófilas de sub-bosque e suas interações com beija-flores. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

11.
TELES, A. M.; SILVA, M. J.; Santos, M.L.. Participação em banca de Cellini Castro de Oliveira. Estudo taxonômico do gênero Senecio sensu stricto (Asteraceae - Senecioneae) para o estado do Rio de Janeiro, Brasil. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
TELES, A. M.; MORAES, M. G.; CARNEIRO, R. G. S.. Participação em banca de Thainara Caetano Freire.A tribo Heliantheae Cass. (Asteraceae) na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás.

2.
ALONSO, A. A.; TELES, A. M.; CARNEIRO, R. G. S.. Participação em banca de Ana Clara Silva Santos.Evidências morfológicas e anatômicas para a classificação do sistema subterrâneo de três espécies de Manihot Mill. endêmicas do Cerrado brasileiro.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia e Análise Ambiental) - Universidade Federal de Goiás.

3.
TELES, A. M.; DUARTE, E. F.; CARNEIRO, R. G. S.. Participação em banca de Nayana Veiga de Oliveira.O gênero Lessingianthus H.Rob. (Asteraceae: Vernonieae) na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás.

4.
TELES, A. M.; FERREIRA, S. C.; MARZINEK, J.. Participação em banca de Fernanda Lechado Contro.A família Asteraceae Bercht. & J. Presl. na Reserva Particular de Patrimônio Natural do Clube de Caça e Pesca Itororó de Uberlândia, Minas Gerais, Brasil. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia.

5.
TELES, A. M.; SILVA, M. J.; Ferreira, H.D.. Participação em banca de Alessandro Oliveira de Souza.A subfamíia Caesalpinioideae (Leguminosae) na Floresta Nacional de Silvânia, Goiás, Brasil. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás.

6.
Rizzo, J.A.; Klein, V.L.G.; TELES, A. M.; Ferreira, H.D.. Participação em banca de Roberta Ribeiro da Silveira.Levantamento Florístico da Serra do Pontal / Pontalina, Goiás, Brasil. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás.

7.
Klein, V.L.G.; Moraes, M.G.; Ferreira, H.D.; TELES, A. M.. Participação em banca de Túlio Carmo Conceição.O subgênero Hebeclada (Chodat) Blake (Polygalaceae) na Serra dos Pireneus, Goias, Brasil. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás.

8.
Nogueira, I.S.; TELES, A. M.; Santos, S.X.; Bessa, M.R.R.N.. Participação em banca de Watson Arantes Gama Júnior.Cianobactérias planctônicas tóxicas ocorrentes em um pesqueiro de água doce da cidade de Goiânia, GO. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás.

9.
TELES, A. M.. Participação em banca de Jacqueline de Oliveira Veiga Iglesias.Flora da Serra de Caldas Novas - Goiás: Fabaceae "Caesalpinioideae". 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Estadual de Goiás.

10.
Klein, V.L.G.; TELES, A. M.; Moura, I.O.; Ferreira, H.D.; Peixoto, J.C.. Participação em banca de Augusto Francener Nogueira Gonzaga.A família Malpighiaceae Juss. na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
TELES, A. M.; Moreira, A.S.F.P.; PEREIRA, A. N. B.. Membro Titular da Comissão Julgadora do Processo Seletivo de Provas e Títulos para Professor Substituto da área de Biologia Vegetal. 2015. Universidade Federal de Uberlândia.

2.
TELES, A. M.; SILVA, M. J.; VASCONCELOS FILHO, S. C.. Concurso Público para o Provimento de Cargos de Professor Efetivo de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do Instituto Federal Goiano - Câmpus Ceres. 2014. Instituto Federal Goiano.

3.
Pereira, J.D.; TELES, A. M.; Euclydes, R.M.A.. Comissão Examinadora do Concurso Público para Professor Adjunto I, área/subárea de Biologia de Criptógamas e Fanerógamas, do Campus de Rio Paranaíba da Universidade Federal de Viçosa (Edital nº47/2010 - DOU de 02/03/2010). 2010. Universidade Federal de Viçosa.

4.
TELES, A. M.; SOBRAL, M.; Goldenberg, R.; Oliveira, R.C.; Klein, V.L.G.. Banca Examinadora de Concurso Público para o cargo de Professor Adjunto na área de Morfologia e Taxonomia Vegetal. 2010. Universidade Federal de Goiás.

5.
Santos, S.X.; TELES, A. M.; Klein, V.L.G.; Santos, M.L.; Gonçalves, L.A.. Banca Examinadora de Concurso Público para Docentes da UEG na área de Taxonomia Vegetal. 2010. Universidade Estadual de Goiás.

6.
TELES, A. M.; MARZINEK, J.; RANAL, M. A.. Concurso público para provimento de um cargo de Professor Adjunto para a área de Morfologia, Sistemática e Fisiologia Vegetal. 2010. Universidade Federal de Uberlândia.

7.
Sales, J.F.; Costa, A.C.; TELES, A. M.. Membro da Banca Examinadora da área de Biologia - Sistemática Vegetal do Concurso Público de Professores para o Quadro Permanente do Instituto Federal Goiano - Campus Rio Verde. 2009. Instituto Federal Goiano.

Outras participações
1.
TELES, A. M.; Amorim, R.S.. Comissão de Avaliação de Projetos de Extensão do ICB para obtenção de bolsa PROBEC. 2010. Universidade Federal de Goiás.

2.
TELES, A. M.; Ferreira, H.D.. Comissão para seleção de bolsista do programa de monitoria de graduação - PROAD/UFG. 2010. Universidade Federal de Goiás.

3.
Amorim, R.S.; TELES, A. M.; Oliveira, L.A.; Rosa, D.A.; Matos, L.G.. Comissão de Avaliação de Projetos de Extensão do ICB para obtenção de bolsa PROBEC. 2009. Universidade Federal de Goiás.

4.
TELES, A. M.. Seleção de bolsista do Programa de Monitoria de Graduação - PMG / PROGRAD. 2008. Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
TELES, A. M.; PINTO, F. C. S.; COSTA, L. F. L.. Comissão Científica da II Mostra Científica da ANPG - Associação Nacional de Pós-Graduandos. 2008. Universidade Estadual de Campinas.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
69° Congresso Nacional de Botânica / XII Encontro de Botânicos do Centro-Oeste. A NEW SPECIES OF MOQUINIASTRUM (ASTERACEAE: GOCHNATIEAE) AND A SYNOPSIS OF THE GENUS FOR BRAZIL. 2018. (Congresso).

2.
La familia Sapindaceae en Sudamérica: un enfoque biosistemático. 2016. (Outra).

3.
64° Congresso Nacional de Botânica. Riqueza e endemismo das Asteraceae nos campos rupestres da Cadeia do Espinhaço. 2013. (Congresso).

4.
XXIV Semana do Instituto de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Goiás.Plantas do Brasil na Europa? Como estão sendo feitas a recuperação e a disponibilização de nossos dados. 2013. (Outra).

5.
63º Congresso Nacional de Botânica. Vegetação e Flora da Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2012. (Congresso).

6.
62º Congresso Nacional de Botânica. Projetos de Asteraceae no Brasil - Projeto REFLORA: repatriamento das Asteraceae do Brasil. 2011. (Congresso).

7.
South American Compositae Meeting.Status of knowledge and prospects of study of the Senecioneae in South America. 2011. (Simpósio).

8.
VIII Encontro de Botânicos do Centro Oeste / ENBOC. 2010. (Encontro).

9.
60º Congresso Nacional de Botânica; 32ª Reunião Nordestina de Botânica; 29º Encontro Regional de Botânicos - MG, BA, ES. 2009. (Congresso).

10.
VI Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão - CONPEEX. A família Asteraceae para a Flora de Goiás e Tocantins - dados preliminares. 2009. (Congresso).

11.
Congresso de Pesquisa, Ensino e Extensão. 2008. (Congresso).

12.
Workshop ? Plantas Vasculares na Mata Atlântica: Centros de Endemismos e Estratégias para a Conservação.. 2007. (Oficina).

13.
57º Congresso Nacional de Botânica, 13º Encontro Estadual de Botânicos e 5º Encontro Estadual de Herbários. Atualidades na Diversidade de Compositae. 2006. (Congresso).

14.
57º Congresso Nacional de Botânica / 13º Encontro Estadual de Botânicos/ 5º Encontro Estadual de Herbários. 2006. (Congresso).

15.
Revisão da lista vermelha das espécies da flora ameaçadas de extinção em Minas Gerais.Revisão das espécies de Asteraceae ameaçadas de extinção em Minas Gerais. 2006. (Outra).

16.
XX Jornada de Biologia da PUC.Mini-curso sobre Etnobotânica. 2006. (Encontro).

17.
WORKSHOP CIENTÍFICO DO PROJETO DE REVISÃO DA LISTA DE ESPÉCIES DA FLORA BRASILEIRA AMEAÇADAS DE EXTINÇÃO. 2005. (Outra).

18.
XI SEMINÁRIO MINEIRO DE PLANTAS MEDICINAIS / 2ª JORNADA FARMACÊUTICA DE DIAMANTINA.Conhecimento Popular dos Raizeiros. 2005. (Seminário).

19.
54º Congresso Nacional de Botânica / 3ª Reunião Amazônica de Botânica. 2003. (Congresso).

20.
1º SEMINÁRIO SOBRE NOVAS TECNOLOGIAS NO ENSINO DE GRADUAÇÃO NA UNB.1º SEMINÁRIO SOBRE NOVAS TECNOLOGIAS NO ENSINO DE GRADUAÇÃO NA UNB.. 2002. (Seminário).

21.
I EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA DO INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS. 2002. (Outra).

22.
XVII CONGRESSO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO. XVII CONGRESSO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO.. 2002. (Congresso).

23.
52º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA. 52º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA. 2001. (Congresso).

24.
53ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC.53ª REUNIÃO ANUAL DA SBPC. 2001. (Outra).

25.
I ENCONTRO ECOLÓGICO E CULTURAL DOS ESTUDANTES DE BIOLOGIA DA UCSAL.I ENCONTRO ECOLÓGICO E CULTURAL DOS ESTUDANTES DE BIOLOGIA / UCSAL. 2001. (Encontro).

26.
SEMANA DO BIÓLOGO.SEMANA DO BIÓLOGO. 2001. (Outra).

27.
51º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA. 51º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA. 2000. (Congresso).

28.
III SEMANA DE MOBILIZAÇÃO CIENTÍFICA - SEMOC.III SEMANA DE MOBILIZAÇÃO CIENTÍFICA - SEMOC.. 2000. (Outra).

29.
xxii ERBOT - Encontro Regional de Botânicos / Seccional MG, BA, ES.XXII ERBOT - Encontro Regional de Botânicos / Seccional MG, BA, ES. 2000. (Encontro).

30.
SEMANA DO BIÓLOGO.SEMANA DO BIÓLOGO. 1999. (Outra).

31.
II CONGRESSO BAIANO DE CLIMATÉRIO E MENOPAUSA / I CONGRESSO BAIANO DE REPRODUÇÃO HUMANA.. II CONGRESSO BAIANO DE CLIMATÉRIO E MENOPAUSA / I CONGRESSO BAIANO DE REPRODUÇÃO HUMANA.. 1998. (Congresso).

32.
XIII ENCONTRO DE GENÉTICA DO NORDESTE.XIII ENCONTRO DE GENÉTICA DO NORDESTE - Genética no Terceiro Milênio: Contribuição ao Semi-árido.. 1998. (Encontro).

33.
SEMANA DO BIÓLOGO.SEMANA DO BIÓLOGO. 1997. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Teles, A.M.; Moraes, M.G. ; DUARTE, E. F. . 1° Seminário de Pesquisa, Ensino e Extensão do Departamento de Botânica da UFG. 2018. (Outro).

2.
TELES, A. M.. VIII Encontro de Botânicos do Centro Oeste / ENBOC. 2010. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Tese de doutorado
1.
William dos Santos Ribeiro. A família Asteraceae no Parque Estadual da Serra do Papagaio, Minas Gerais, Brasil.. Início: 2018. Tese (Doutorado em Botânica Aplicada) - Universidade Federal de Lavras, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. (Coorientador).

Iniciação científica
1.
ANNA LUIZZA FERREIRA SILVA. A família Compositae na Flora Brasiliensis: listagem atualizada e comentada da parte II (Vernoniaceae e Eupatorieaceae). Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Agronomia) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Maria Beatriz Esteves Bernardes. Árvores utilizadas na arborização do campus Samambaia da Universidade Federal de Goiás. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).

3.
Joseany Correia Marciel. Flórula ruderal do campus Samambaia da Universidade Federal de Goiás, Brasil. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Ecologia e Análise Ambiental) - Universidade Federal de Goiás. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
Leonardo Magno Vilela Borges de Souza Martins. Árvores utilizadas na arborização do campus Samambaia da Universidade Federal de Goiás. Início: 2018. Orientação de outra natureza. Universidade Federal de Goiás. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Rogério Neves Ribeiro. Eupatorieae Cass. (Asteraceae) no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros: diversidade e similaridade florístico entre áreas do bioma Cerrado. 2017. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

2.
Thiago Henrique Silva Sampaio. Vochysiaceae A. St.-Hil. nos Parques Estaduais da Serra Dourada e da Serra de Caldas Novas, Goiás e sua sinopse para o estado de Goiás. 2017. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

3.
Rayna Chaves Teixeira. Vochysiaceae A. St. Hil. na Serra dos Pirineus, Goiás e similaridade florística em áreas de Cerrado no Brasil. 2017. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

4.
Gustavo Lima da Silva. Estudos taxonômicos do gênero Calea L. (Neurolaeneae: Asteraceae) na região Centro-Oeste do Brasil. 2016. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

5.
Cellini Castro de Oliveira. Estudo taxonômico do gênero Senecio sensu stricto (Asteraceae: Senecioneae) para o estado do Rio de Janeiro, Brasil. 2014. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Aristônio Magalhães Teles.

6.
Gisele Lopes Moreira. A tribo Vernonieae (Asteraceae) na Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2013. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

Tese de doutorado
1.
Fernanda Santos Freitas. Filogenia Molecular e Revisão Taxonômica de Senecio seções Adamantina, Bahiana e Paranaia (Asteraceae- Senecioneae). 2016. Tese (Doutorado em Biologia Vegetal) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Aristônio Magalhães Teles.

Supervisão de pós-doutorado
1.
José Floriano Pastore. 2014. Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Aristônio Magalhães Teles.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Thainara Caetano Freire. A tribo Heliantheae Cass. (Asteraceae) na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

2.
Nayana Veiga de Oliveira. O gênero Lessingianthus H.Rob. (Asteraceae: Vernonieae) na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

3.
Rogério Silvero Guida. Eupatorieae (Asteraceae) na Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ecologia e Análise Ambiental) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

Iniciação científica
1.
Hugo Elias do Amaral. A tribo Vernonieae Cass. (Asteraceae) na Serra de Caldas Novas, Goiás, Brasil. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

2.
Thainara Caetano Freire. A tribo Heliantheae Cass. (Asteraceae) na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

3.
Nayane Veiga de Oliveira. O gênero Lessingianthus H. Rob. (Asteraceae, Vernonieae) na Serra dos Pireneus, Goiás, Brasil. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

4.
Julliana Pergorari Zoccoli. A tribo Heliantheae sensu lato (Asteraceae) na Serra de Caldas Novas, Goiás, Brasil. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

5.
Joyce Caroline Freire. A tirbo Eupatorieae Cass. (Asteraceae) na Serra de Caldas Novas, Goiás.. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

6.
Joyce Caroline Freire. Asteraceae da Serra Dourada, Goiás: clados basais. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

7.
Vinicius Vieira de Faria. Apocynaceae Juss. da Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

8.
Kátia Martins Neves. O gênero Baccharis (Asteraceae - Astereae) em Goiás. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

9.
Luciene Pereira Ferreira. A tribo Senecioneae (Asteraceae) em Goiás e Tocantins. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

10.
Gustavo Henrique Lima da Silva. Heliantheae (Asteraceae) do Parque Estadual da Serra Dourada, Goiás.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

11.
Rogério Silvero Guida. Eupatorieae (Asteraceae) do Parque Estadual da Serra Dourada, Goiás.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia e Análise Ambiental) - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

12.
Gustavo Henrique Lima da Silva. Heliantheae (Asteraceae) do Parque Estadual da Serra Dourada, Mossâmedes, Goiás. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

13.
Juscelino Barbosa Sena Filho. Vochysiaceae do Parque Estadual da Serra Dourada, Goiás.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia e Análise Ambiental) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

14.
Thiago Henrique Silva Sampaio. Bromeliaceae da Reserva Biológica Prof. José Angelo Rizzo, Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

15.
Cecília Gomes de Sousa. Asteraceae da Reserva Biológica Prof. José Ângelo Rizzo, Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

Orientações de outra natureza
1.
Terezinha de Jesus Pereira Vaz. Morfo-anatomia comparada de espécies da tribo Tageteae Cass. (Asteraceae) ocorrentes na Serra Dourada, Goiás, Brasil. 2012. Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Goiás, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.

2.
Ludmila Gondim Rodrigues. Plantas ruderais do campus Samambaia, Universidade Federal de Goiás. 2009. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Goiás. Orientador: Aristônio Magalhães Teles.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/12/2018 às 13:30:39