Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro

Bolsista de Desenvolvimento Tecnológico Industrial do CNPq - Nível B

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5873733011327592
  • Última atualização do currículo em 24/10/2018


Possui graduação em Ciência Biológicas (2003) e mestrado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais (2006), ambos pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), doutorado em Biologia Animal (2009) pela Universidade de Brasília (UnB). Fez pós-doutorado no Programa de Pós-graduação em Ecologia e Evolução na Universidade Federal de Goiás entre 2009 e 2011. Ao longo de toda a sua formação, sempre foi contemplada com bolsas do CNPq e CAPES. Atualmente é bolsista de Desenvolvimento Tecnológico e Industrial (DTI-B/CNPq) pelo INCT - Ecologia, Evolução e Conservação da Biodiversidade na Universidade Federal de Goiás, sendo integrante do grupo de Ecologia Aquática . Entre 2011 e 2016 atuou na área de consultoria ambiental, desempenhando as funções de analista de dados, coordenação de projetos e gerência técnica. Tem experiência na área de Ecologia e Ciências Ambientais, com ênfase em Ecologia de Ecossistemas e Macroecologia, atuando principalmente nos seguintes temas: biologia de peixes, ecologia de reservatórios, padrões de diversidade em grande escala, riqueza de espécies e biogeografia. Além disso, tem experiência na elaboração de laudos de estudos e de relatórios de impactos ambientais (EIA-RIMA), em análise estatística de dados ambientais, coordenação de projetos ambientais multidisciplinares, gestão de equipe, atuando em quesitos técnicos e contratuais perante os órgãos ambientais. Também atua como assistente técnica em processos jurídicos de crimes ambientais.? (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro
Nome em citações bibliográficas
CASSEMIRO, F. A. S.


Formação acadêmica/titulação


2006 - 2009
Doutorado em Biologia Animal.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: A TEORIA METABÓLICA EM ECOLOGIA E O PADRÃO ESPACIAL DA RIQUEZA DE ESPÉCIES DE ANFÍBIOS NO NOVO MUNDO, Ano de obtenção: 2009.
Orientador: JOSÉ ALEXANDRE FELIZOLA DINIZ FILHO.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Macroecologia; fisiologia animal; Teoria Metabólica da Ecologia; Biogeografia; Zoologia.
2004 - 2006
Mestrado em Ambientes Aquáticos Continentais.
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Título: Padrões ontogenéticos e alométricos relacionados à alimentação de uma espécie invertívora (Satanoperca pappaterra) da bacia do rio Cuiabá, Mato Grosso, Brasil.,Ano de Obtenção: 2006.
Orientador: Norma Segatti Hahn.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: água-doce; amplitude de nicho; ecologia trófica; neotropical; peixe generalista; invertebrados aquáticos.
Grande área: Ciências Biológicas
1998 - 2003
Graduação em Ciências Biológicas.
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Título: Adaptabilidade Trófica de Astyanax bimaculatus (Pisces, Tetragonopterinae) Durante o Represamento da UHE de Salto Caxias, Pr..
Orientador: Norma Segatti Hahn.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Pós-doutorado


2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Teórica / Especialidade: Biogeografia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: MACROECOLOGIA / Especialidade: Macroecologia.
2009 - 2011
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Teórica.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: MACROECOLOGIA / Especialidade: Macroecologia.


Formação Complementar


2011 - 2011
Conversation and Grammar Skills.
Language Studies Canada, LSC, Canadá.
2007 - 2007
Curso de Campo do Pantanal.
Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, UFMS, Brasil.
2007 - 2007
Aula de Campo na Chapada dos Veadeiros -GO. (Carga horária: 32h).
Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
2004 - 2004
Extensão universitária em XVIII Ciclo de Palestras Em Ecologia de Água Doce. (Carga horária: 44h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2003 - 2003
Extensão universitária em Fundamentos da Ecologia Aquática. (Carga horária: 30h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2002 - 2002
Extensão universitária em Workshop Peld A Planície Alágavel Rio Paraná. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2001 - 2001
Extensão universitária em Teia Alimentar Uma Visão Holística do Ecossistema. (Carga horária: 20h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2001 - 2001
Extensão universitária em Identificação de Invertebrados. (Carga horária: 20h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2001 - 2001
Extensão universitária em XVI Ciclo de Palestras Em Ecologia de Água Doce. (Carga horária: 40h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Iniciação à Prática Em Entomologia. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Insetos Aquáticos. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Iniciação à Prática Em Entomologia. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Ciclo de Palestras-Reflexões Sobre Ciências. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Sequenciamento e Manipulação de Genes e Genomas. (Carga horária: 20h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em XV Ciclo de Palestras em Ecologia de Água Doce. (Carga horária: 38h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em XIV Ciclo de Palestras Em Ecologia de Água Doce. (Carga horária: 38h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em IV Semana de Artes da UEM. (Carga horária: 6h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em Grupo de Estudos do Laboratório de Ictiologia. (Carga horária: 30h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em Introdução à Pesquisa em Biologia Pesqueira. (Carga horária: 36h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em Comportamento de Peixes - Abordagem Naturalística. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em Morfologia Comparada do Sistema Digestório. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1998 - 1998
Extensão universitária em Veneno Nosso de Cada Dia -substâncias carcinógenas. (Carga horária: 16h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1998 - 1998
Extensão universitária em Técnica de Repleção Para Órgãos Tubulares. (Carga horária: 6h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
1998 - 1998
Extensão universitária em Delineamento amostral. (Carga horária: 16h).
Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Goiás, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista DTI-B/CNPq, integrante do grupo de Ecologia Aquática do INCT-EECBio na Universidade Federal de Goiás

Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Pós-doutorado, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2018 - Atual
Ensino, Ecologia e Análise Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Limnologia

Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista do CNPq

Vínculo institucional

1998 - 2003
Vínculo: Aluna, Enquadramento Funcional: Aluna de Graduação e Mestrado, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2002 - 03/2004
Estágios , Núcleo de Pesquisa Em Limnologia Ictiologia Limnologia e Aquicultura, Departamento de Biologia.

Estágio realizado
Bolsista Apoio Técnico à Pesquisa/CNPq- Projeto: Estudos ambientais na área de influência do reservatório de Salto Caxias..
03/2002 - 08/2002
Estágios , Nucleo de Pesquisa em Limnologia Ictiologia e Aquicultura-Nupélia, Departamento de Biologia.

Estágio realizado
Bolsista Nupélia- Orientadora: Rosemara Fugi.
08/2000 - 07/2001
Estágios , Nucleo de Pesquisa em Limnologia Ictiologia e Aquicultura-Nupélia, Departamento de Biologia.

Estágio realizado
Bolsista PIBIC/CNPq- Projeto: Adaptabilidade trófica de Astyanax bimaculatus durante o represamento da UHE de Salto Caxias, Pr..
04/1998 - 01/2000
Estágios , Nucleo de Pesquisa em Limnologia Ictiologia e Aquicultura-Nupélia, Departamento de Biologia.

Estágio realizado
Bolsista Nupélia- Orientador: Prof. Dr. Ângelo Antonio Agostinho.

Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2009
Vínculo: Aluna, Enquadramento Funcional: Aluna de doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

04/2006 - 02/2009
Estágios , Departamento de Zoologia, .

Estágio realizado
Bolsista do programa de Coordenação de Pessoal de Nível Superior (Capes).

Systema Naturae Consultoria Ambiental, NATURAE, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2016
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Gerente Técnica, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Gerência de Projetos Ambientais; Análises estatísticas de dados ecológicos e ambientais; Análise de dados faunísticos para produção de relatórios técnicos interpretativos; Elaboração de programas de monitoramento de fauna para composição de Projetos Básicos Ambientais (PBA) de empreendimentos hidrelétricos; Elaboração de relatórios técnicos para vários empreendimento hidrelétricos. Modelagem estatística de dados de monitoramento de ictiofauna, avifauna, herpetofauna, mamíferos aquáticos e terrestres.

Vínculo institucional

2013 - 2016
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Coordenadora Técnica, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Coordenadora técnica do Programa de Monitoramento da Atividade Pesqueira da UHE Jirau: Realização de trabalhos de campo; Apresentação de palestras às comunidades ribeirinhas; Participação em reuniões e seminários com os órgãos ambientais; Elaboração semestral de relatórios técnicos; Elaboração de pareceres técnicos;

Vínculo institucional

2013 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Assistente Técnica, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Assistente técnica em laudos jurídicos relacionados aos processos de danos ambientais: Participação em reuniões jurídicas; Participação em reuniões com peritos técnicos; Visita técnica nos locais afetados pelas usinas hidrelétricas; Elaboração de laudos técnicos relacionados aos ocasionais danos ambientais de usinas hidrelétricas.

Vínculo institucional

2011 - 2016
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Analista Ambiental, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Análises estatísticas de dados ecológicos e ambientais; Análise de dados faunísticos para produção de relatórios técnicos interpretativos; Elaboração de programas de monitoramento de fauna para composição de Projetos Básicos Ambientais (PBA) de empreendimentos hidrelétricos; Elaboração de relatórios técnicos para vários empreendimento hidrelétricos. Modelagem estatística de dados de monitoramento de ictiofauna, avifauna, herpetofauna, mamíferos aquáticos e terrestres.


Universidade Estadual de Goiás, UEG, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador sem vínculo empregatício
Outras informações
Vínculo através do projeto: Importância relativa dos processos locais e regionais na estrutura do fitoplâncton de pequenas lagoas artificiais no Cerrado


Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, UEMS, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador sem vínculo empregatício
Outras informações
Vínculo através do projeto - Efeitos das mudanças climáticas sobre a distribuição de peixes migradores do bioma Chaco-Pantanal


Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Estagiária, Enquadramento Funcional: estagiária, Carga horária: 40
Outras informações
Estágio no laboratório de carcinologia do Núcleo de Estudos em Biologia, Ecologia e Cultivo de Crustáceos (NEBECC). Treinamento sobre técnicas de mensuração com sistema de imagem Axiovision sob a orientação da prof. Dra. Maria Lucia Negreiros Fransozo



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Sistema experimental para testes de teorias ecológicas
Descrição: Um dos objetivos principais da Ecologia é buscar entender a distribuição das espécies no espaço. Ecólogos registram se uma espécie está presente ou ausente em vários locais e associam com as condições ambientais e outras espécies presentes. Entretanto, a Natureza é complexa e muitos fatores atuam simultaneamente e de maneira interativa sobre animais e plantas. Por exemplo, a fertilidade do solo pode ser importante para determinar a ocorrência de uma espécie em locais com abundância de água, mas pode ser irrelevante em solos secos. Uma forma de contornar este problema é fazer experimentos. Nestes, igualamos as condições ambientais nas unidades experimentais e modificamos 1 ou 2 condições por vez. Assim, se houver alguma diferença, saberemos o que a causou. Neste projeto vamos construir um sistema experimental com dezenas de caixas d'água e usar organismos aquáticos (algas e invertebrados) para testar questões atuais em Ecologia..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Integrante / Luís Maurício Bini - Integrante / Adriano Sanches Melo - Coordenador / João Carlos Nabout - Integrante / Roger Mormul - Integrante / Murilo Dias - Integrante / Victor Landeiro - Integrante / Tadeu Siqueira - Integrante / Renato Bolson Dala Corte - Integrante / Gustavo Lisboa - Integrante / Amanda Queiroz - Integrante / Karine Machado - Integrante.Financiador(es): Instituto de Ciência e Tecnologia - Outra.
2015 - Atual
Efeitos das mudanças climáticas sobre a distribuição de peixes da bacia Paraná-Paraguai.
Descrição: Chamada MCTI/CNPq/ANA No. 23/2015 - Pesquisa em Mudança do Clima Projeto No.: 446123/2015-3.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Integrante / Angelo Antonio Agostinho - Coordenador / Thiago Fernando Lopes Valle de Britto Rangel - Integrante / Luiz Carlos Gomes - Integrante / Daiany Baily - Integrante / Valéria Flávia Batista da Silva - Integrante / Anielly Galego de Oliveira - Integrante.
2015 - Atual
Efeitos das mudanças climáticas sobre a distribuição de peixes migradores do bioma Chaco-Pantanal
Descrição: Investigar o padrão de distribuição de espécies migradoras do bioma Chaco-Pantanal no presente e futuro, evidenciando processos de retração ou troca de range com base na técnica de modelagem de nicho ecológico;Evidenciar pontos de elevada riqueza de espécies migradoras dentro do bioma para o presente e para o futuro, os quais servirão para orientação das áreas de maior interesse conservacionista;No caso de ser constatada perda de adequabilidade ambiental do bioma frente à cenários climáticos futuros, predizer quais são as áreas climaticamente adequadas para a ocorrência dessas espécies em regiões externas ao bioma, inferindo sobre processos de dispersão na mesma bacia e em bacias adjacentes;Predizer possíveis cenários de extinção de espécies de peixes migradores no bioma frente a diferentes cenários de emissão de carbono (otimista, moderado e pessimista);Avaliar qual a importância de diferentes fontes de variação (modelos de nicho, modelos gerais de circulação e cenários de emissão de carbono) para geração das incertezas no processo de modelagem da área de distribuição geográfica potencial das espécies..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Importância relativa dos processos locais e regionais na estrutura do fitoplâncton de pequenas lagoas artificiais no Cerrado
Descrição: Entender como as lagoas estão estruturadas na paisagem do Bioma Cerrado, bem como as escalas nas quais os processos ecológicos que determinam a variação do fitoplâncton estão ocorrendo. Objetivos e metas i. Inventariar a comunidade fitoplanctônica de 70 represas no bioma Cerrado. ii. Caracterizar o uso das lagoas dentro das suas bacias de drenagem, bem como o componente socioeconômico que essas estão inseridas. iii. Identificar os riscos que esses pequenos corpos de água estão sujeitos (ex.: floração de cianobactéria) iv. Determinar em qual escala ocorrem os processos que determinam a diversificação do fitoplâncton (e.g.: variáveis limnológicas locais, variáveis regionais do uso do solo). v. Propor estratégias de monitoramento para os ambientes estudados através de grupos substitutos ou de variáveis em amplas escalas (uso de Sistema de Informação Geográfica) para monitorar esses ambientes...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Integrante / João Carlos Nabout - Integrante / Fernanda Melo Carneiro - Coordenador / Paulo de Marco Jr. - Integrante / Beat Oertli - Integrante.
2011 - 2015
Modelos de nicho ecológico, distribuição potencial e efeitos das mudanças climáticas em espécies do Cerrado
Descrição: A rede GENPAC (Genética geográfica e planejamento regional para conservação de recursos naturais no Cerrado) foi aprovada no âmbito do edital MCT/CNPq/FNDCT/FAPs/MEC/CAPES/PRO-CENTRO-OESTE Nº 031/2010. O objetivo dessa rede é integrar grupos de pesquisa de diferentes instituições da região Centro-Oeste do Brasil que estudam macroecologia, filogeografia e genética molecular em espécies de Cerrado, procurando caracterizar os padrões de variabilidade genética em espécies do Cerrado a fim de compreender os processos ecológicos e biogeográficos na origem e manutenção da biodiversidade e, a partir desse conhecimento, desenvolver estratégias que conciliem desenvolvimento econômico e conservação dos recursos naturais. Mais especificamente, os objetivos e metas dos diferentes projetos que compõe a rede GENPAC são: 1. Estimar a diversidade genética molecular e descrever a estrutura geográfica populacional de espécies de animais e plantas do Cerrado; 2. Estimar a diversidade fenotípica e descrever a estrutura geográfica populacional de espécies de animais e plantas do Cerrado; 3. Para organismos que possam ser manipulados experimentalmente, poder-se-á decompor a variabilidade fenotípica em componentes intrínsecos (com base genética) e plasticidade fenotípica; 4. Avaliar como a variação espacial de características moleculares e fenotípicas pode ser utilizada em programas de pré-melhoramento e utilização de recursos genéticos (para espécies de importância econômica); 5. Caracterizar padrões geográficos de diversidade molecular e estrutura metagenômica de plâncton na região do Cerrado e verificar como ela se associa com a estruturação geográfica das bacias hidrográficas; 6. Estudar os padrões filogeográficos em espécies de animais e plantas do Cerrado; 7. Modelar a distribuição geográfica de espécies de animais e plantas do Cerrado, projetando essas distribuições no futuro (permitindo avaliar o efeito potencial de mudanças climáticas sobre a diversidade fenotípica e molecular)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Integrante / Levi Carina Terribile - Coordenador / Matheus Ribeiro - Integrante / Thiago Fernando Rangel - Integrante / João Carlos Nabout - Integrante / Guilherme de Oliveira - Integrante / Vanessa G. Staggemeier - Integrante / David Nogués-Bravo - Integrante / Miguel B. Araújo - Integrante / Amanda Franco - Integrante / Jaqueline Furtado - Integrante.
2009 - 2011
Modelagem de distribuição como ferramenta para conservação de anuros do cerrado: uma abordagem ecofisiológica.
Descrição: Este projeto tem como objetivo primordial estudar a distribuição geográfica dos anfíbios anuros no Cerrado. Nossa proposta consiste em avançar conceitualmente os convencionais modelos de distribuição de espécies (e.g. BioClim, GLM, GARP e MaxEnt) por meio de (a) comparação, (b) validação e (c) integração com parâmetros ecofisiológicos obtidos por experimentação controlada com espécimes in vivo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2009
A teoria metabólica da ecologia e o padrão espacial da riqueza de espécies de anfíbios no Novo Mundo
Descrição: A Teoria Metabólica da Ecologia (MTE) tenta explicar os gradientes latitudinais de biodiversidade. Baseada na cinética bioquímica do metabolismo, a MTE basicamente apresenta uma precisa predição quantitativa de como a riqueza de espécies deveria variar com a temperatura ambiental: linearmente com uma inclinação da reta (b) de aproximadamente -0.65. Utilizando dados de espécies de anfíbios do Novo Mundo avaliou-se qual é o melhor teste estatístico para se testar as predições da MTE, bem como qual região do mapa essas predições melhor se aplicam. Além disso, foi avaliado se as taxas evolutivas são em função da temperatura e se a magnitude dos desvios do b predito pela MTE para a relação entre riqueza e temperatura é em função de violações dos pressupostos da teoria. As análises mostraram que a MTE sofre algumas falhas metodológicas e conceituais, como a falta de incorporação da estrutura espacial dos dados e o ajuste da teoria em apenas uma limitada área geográfica do mapa. A correlação entre temperatura e taxas evolutivas mostrou-se fraca. Adicionalmente, cerca de 60% dos desvios do b predito foram devido à violações nos pressupostos. A hipótese que os padrões de riqueza são uma função da temperatura ambiental é simplificada e não considera outros processos ecológicos e ambientais. Contudo, seria possível obter derivações múltiplas da equação principal da MTE considerando as idiossincrasias dos fatores espaciais, biológicos e ecológicos que são essenciais ao entendimento dos padrões de biodiversidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Coordenador / José Alexandre Felizola Diniz-Filho - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2
2004 - 2006
Padrões morfométricos relacionados à alimentação de uma espécie invertívora (Satanoperca pappaterra) da bacia do rio Cuiabá, estado de Mato Grosso, Brasil ? umaanálise ontogenética.
Descrição: Este estudo objetivou analisar se Satanoperca pappaterra, um peixe neotropical que explora ofundo para obter alimento, altera seu hábito alimentar ao longo de seu desenvolvimentoontogenético e se padrões morfológicos (alométricos) estão relacionados ao hábito alimentar e atomada do alimento. Para isto foram coletados 258 indivíduos na bacia do rio Cuiabá (Brasil).Através da análise da dieta constatou-se que S. pappaterra pode ser considerada uma espéciegeneralista trófica. Dessa forma, a população foi dividida em três grupos tróficos funcionais deacordo com o tamanho dos indivíduos. Os menores indivíduos consumiram principalmentemicrocrustáceos, os de tamanho intermediário uma mistura de detrito e sedimento e poucosorganismos e os maiores indivíduos basearam sua dieta em quironomídeos e anelídeos. Oitovariáveis morfométricas foram obtidas de cada exemplar e a regressão linear foi utilizada paraavaliar a relação de cada uma dessas variáveis com o comprimento do corpo. A altura e largurada boca, assim como o comprimento da cabeça apresentaram relação isométrica. Por outro lado,foi observada alometria positiva para o comprimento do focinho e para altura do corpo, enquantoque para o comprimento do intestino e diâmetro do olho a relação alométrica foi negativa. Essasmedidas explicam, em parte, o comportamento e hábito alimentar da espécie.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Integrante / Norma Segatti Hahn - Coordenador.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2002 - 2004
Estrutura trófica da ictiofauna, ao longo do gradiente longitudinal do reservatório de Salto Caxias
Descrição: O objetivo deste estudo foi avaliar a estrutura trófica da ictiofauna, ao longo do gradiente longitudinal do reservatório de Salto Caxias, no segundo ano após o seu represamento. Pretendeu-se também comparar os dados obtidos neste estudo com dados anteriores (março/1997 a fevereiro/1998 - pré-represamento e março/1998 a fevereiro/1999 - pós 1) obtidos por Delariva (2002). registrados um ano antes e um após o represamento, a fim de verificar se as espécies que alteraram suas dietas, voltaram a utilizar os mesmos recursos alimentares oferecidos no ambiente natural. Para este estudo, as coletas foram realizadas no período de - março de 2000 a fevereiro de 2001 - pós 2) e os conteúdos estomacais de 1542 exemplares foram analisados pelo método volumétrico. No geral, os peixes apresentaram dietas compostas por grande diversidade de itens alimentares, porém na maioria dos casos com predomínio de um tipo de recurso. Dessa forma, foi possível organizar a ictiofauna em oito guildas tróficas: algívora, invertívora, detritívora, herbívora, insetívora, onívora, piscívora, planctívora. As espécies que não alteraram consideravelmente sua estratégia alimentar ao longo do gradiente espacial foram as detritívoras e as piscívoras. Observou-se que a montante do reservatório todas as guildas estiveram presentes e distribuídas em proporção mais eqüitativa que nos demais locais. Comparando-se os períodos de pré e pós-represamento com o segundo ano, verificou-se que poucas espécies retomaram seu hábito alimentar original, ou seja, o mesmo da fase anterior ao represamento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Integrante / Norma Segatti Hahn - Coordenador.
1998 - 2002
Avaliação temporal da dieta de Astyanax altiparanae durante a formação do reservatório de Salto Caxias
Descrição: Esse estudo objetivou avaliar a dieta de Astyanax altiparanae em condições naturais e após a formação do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu, PR, a fim de investigar a adaptabilidade trófica da espécie. As coletas foram realizadas de março/97 a fevereiro/00 resultando na obtenção de 582 estômagos, cujos itens alimentares foram quantificados volumetricamente. Na fase rio, a espécie mostrou forte tendência a herbivoria, e após o represamento uma dieta onívora, com uma grande quantidade de invertebrados aquáticos. Através da DCA, formaram-se grupos temporais distintos: o primeiro, agrupou exemplares com dieta mais especializada coletados na fase rio e o segundo, exemplares coletados após o represamento e que apresentaram dieta mista. A similaridade mostrou que a dieta, nas diferentes fases, foi afetada pelo represamento, sendo elevada entre as fases de enchimento x operação (0,577) em contraste com a fase rio. Esses resultados evidenciaram que A. altiparanae mostrou alta adaptabilidade trófica, indicando que será bem sucedida no novo ambiente.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro - Integrante / Norma Segatti Hahn - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.


Membro de corpo editorial


2011 - 2012
Periódico: Oecologia Australis


Revisor de periódico


2011 - Atual
Periódico: ACTA ICHTHYOL PISCAT
2011 - Atual
Periódico: Revista da Biologia (USP)
2011 - Atual
Periódico: Diversity and Distributions (Print)
2013 - Atual
Periódico: Acta Oecologica (Montrouge)
2018 - Atual
Periódico: FISHERIES MANAGEMENT AND ECOLOGY
2018 - Atual
Periódico: Zoologia


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Macroecology.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Teórica.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aquática.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Trophic ecology.
6.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Zoologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
Rangel, T.F.2018Rangel, T.F. ; EDWARDS, N. R. ; HOLDEN, P. B. ; Diniz-Filho, J.A.F. ; GOSLING, W. D. ; COELHO, M. T. P. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; RAHBEK, C. ; COLWELL, R. K. . Modeling the ecology and evolution of biodiversity: Biogeographical cradles, museums, and graves. SCIENCE, v. 361, p. eaar5452, 2018.

2.
LOPES, T. M.2017LOPES, T. M. ; Baily, D. ; ALMEIDA, B. A. ; SANTOS, N. C. L. ; GIMENEZ, B. C. G. ; LANDGRAF, G. O. ; SALES, P. C. L. ; LIMA-RIBEIRO, M. S. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; RANGEL, T. F. L. V. B. ; Diniz-Filho, J.A.F. ; AGOSTINHO, A. A. ; GOMES, L. C. . Effects of Climate Change on the Native and Non-native Distribution of Colossoma macropomum in South America. PLoS One, v. 12, p. 1-18, 2017.

3.
CASSEMIRO, F. A. S.2017CASSEMIRO, F. A. S.; BAILLY, D. ; GRACA, W. J. ; AGOSTINHO, A. A. . The invasive potential of tilapias (Osteichthyes, Cichlidae) in the Americas. HYDROBIOLOGIA, v. 808, p. 1-22, 2017.

4.
NOVAKOWSKI, G. C.2016NOVAKOWSKI, G. C. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. . Diet and ecomorphological relationships of four cichlid species from the rio Cuiabá basin. Neotropical Ichthyology (Impresso), v. 14, p. 1-10, 2016.

5.
Baily, D.2016Baily, D. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; WINEMILLER, K. ; Diniz-Filho, J.A.F. ; AGOSTINHO, A. A. . Diversity gradients of Neotropical freshwater fish: evidence of multiple underlying factors in human-modified 1 systems. Journal of Biogeography (Print), v. 43, p. 1679-1689, 2016.

6.
Baily, D.2014 Baily, D. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; AGOSTINHO, C. S. ; MARQUES, E. E. ; AGOSTINHO, A. A. . The metabolic theory of ecology convincingly explains the latitudinal diversity gradient of Neotropical freshwater fish. Ecology (Brooklyn, New York, N.Y.), v. 95, p. 553-562, 2014.

7.
Gouveia, S.F.2013Gouveia, S.F. ; Dobrovolski ; LEMES, P. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Environmental steepness, tolerance gradient, and ecogeographical rules in glassfrogs (Anura: Centrolenidae). Biological Journal of the Linnean Society, v. 108, p. 773-783, 2013.

8.
Gouveia, S.F.2013CASSEMIRO, F. A. S.; Gouveia, S.F. ; HORTAL, J. ; TEJEDO, M. ; DUARTE, H. ; NAVAS, C. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Climatic niche at physiological and macroecological scales: the thermal tolerance-geographical range interface and niche dimensionality. Global Ecology and Biogeography (Print), p. n/a-n/a, 2013.

9.
RODRIGUES, H.2013RODRIGUES, H. ; CASSEMIRO, F. A. S. . Efeitos potenciais das mudanças climáticas futuras sobre a distribuição de um anuro da Caatinga (Rhinella granulosa). Iheringia. Série Zoologia (Impresso), v. 103, p. 272-279, 2013.

10.
Pinese, Olívia Penatti2012CASSEMIRO, F. A. S.; Pinese, Olívia Penatti ; Cassemiro, Fernanda Aparecida da Silva ; Pinese, José Fernando ; Diniz-Filho, José Alexandre Felizola . Metabolic Theory of Ecology and diversity of continental zooplankton in Brazil. Acta Scientiarum. Biological Sciences (Online), v. 34, p. 69-75, 2012.

11.
Dobrovolski2012Dobrovolski ; Melo, S. A. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Climatic history and dispersal ability explain the relative importance of turnover and nestedness components of beta diversity. Global Ecology and Biogeography (Print), v. 21, p. 191-197, 2012.

12.
Gouveia, S.F.2012Gouveia, S.F. ; HORTAL, J. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; RANGEL, T. F. L. V. B. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Nonstationary effects of productivity, seasonality, and historical climate changes on global amphibian diversity. Ecography (Copenhagen), v. 35, p. 104-113, 2012.

13.
CASSEMIRO, F. A. S.2012CASSEMIRO, F. A. S.; Gouveia, S.F. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Distribuição de Rhinella granulosa: integrando envelopes bioclimáticos e respostas ecofisiológicas. Revista da Biologia, v. 8, p. 38-44, 2012.

14.
CASSEMIRO, F. A. S.2010CASSEMIRO, F. A. S.; Diniz-Filho, J.A.F. . Gradientes de Diversidade e a Teoria Metabólica da Ecologia. OECOLOGIA AUSTRALIS, v. 14, p. 490-503, 2010.

15.
CASSEMIRO, F. A. S.2010 CASSEMIRO, F. A. S.; Diniz-Filho, J.A.F. . Deviations from predictions of the metabolic theory of ecology can be explained by violations of assumptions. Ecology (Brooklyn, New York, N.Y.), v. 91, p. 3729-3738, 2010.

16.
CASSEMIRO, F. A. S.2008CASSEMIRO, F. A. S.; Padial A.A. . Teoria Neutra Da Biodiversidade e Biogeografia: Aspectos Teóricos, Impactos na Literatura e Perspectivas. Oecologia Brasiliensis, v. 12, p. 706-719, 2008.

17.
CASSEMIRO, F. A. S.2007 CASSEMIRO, F. A. S.; Barreto, B. ; RANGEL, T. F. L. V. B. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Non-stationarity, diversity gradients and the metabolic theory of ecology. Global Ecology and Biogeography, v. 16, p. xxx, 2007.

18.
CASSEMIRO, F. A. S.2007 CASSEMIRO, F. A. S.; RANGEL, T. F. L. V. B. ; PELICICE, F. M. ; HAHN, N. S. . Allometric and ontogenetic patterns related to feeding of a neotropical fish, Satanoperca pappaterra (Perciformes, Cichlidae). Ecology of Freshwater Fish, v. 16, p. 1-15, 2007.

19.
CASSEMIRO, F. A. S.2007CASSEMIRO, F. A. S.; Diniz-Filho, J.A.F. ; RANGEL, T. F. L. V. B. ; Bini, L.M. . Spatial autocorrelation, model selection and hypothesis testing in geographical ecology: implications for testing metabolic theory in New World amphibians. Neotropical Biology and Conservation, v. 2, p. 119-126, 2007.

20.
CASSEMIRO, F. A. S.2005CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. ; DELARIVA, R. L. . Estrutura Trófica da Ictiofauna, ao Longo do Gradiente Longitudinal do Reservatório de Salto Caxias (Rio Iguaçú, Paraná, Brasil), no Terceiro Ano Após o Represamento. Acta Scientiarum (UEM), Maringá, v. 27, n.1, p. 63-71, 2005.

21.
CASSEMIRO, F. A. S.2003CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. ; RANGEL, T. F. L. V. B. . Diet and Ecomorphology of the Silverside, Odontesthes bonariensis, of the Salto Caxias Reservoir, Iguaçu River, Brasil.. Neotropical Ichthyology (Impresso), Porto Alegre, v. 1, n.2, p. 127-131, 2003.

22.
CASSEMIRO, F. A. S.2002CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. ; FUGI, R. . Avaliação Temporal da Dieta de Astyanax altiparanae (PISCES, TETRAGONOPTERINAE) Durante o Represamento do Reservatório de Salto Caxias, Pr.. Acta Scientiarum (UEM), Maringá, v. 24, n.2, p. 419-425, 2002.

Capítulos de livros publicados
1.
BARTHEM, R. B. ; COSTA, M. C. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; LEITE, R. ; J.R., N. . Diversity and abundance of the fish larvae drifting in the Madeira River, Amazon Basin. In: Oscar Grillo. (Org.). Biodiversity - The Dynamic Balance of the Planet. 1ed.: Intech, 2014, v. , p. 137-158.

2.
CASSEMIRO, F. A. S.; Benedito-Cecílio, E ; LIMA, F. P. . Comida de peixe é?. In: Flávia Pereira Lima. (Org.). Pesquisa no Parque: curiosidades sobre bichos e plantas do Parque Nacional das Emas. 1ed.Goiânia: UFG, 2013, v. , p. 18-19.

3.
CASSEMIRO, F. A. S.. Ictiofauna associada às macrófitas aquáticas de baías do pantanal sul-matogrossense (in press). Ecologia do Pantanal: curso de campo 2007. Campo Grande: , 2008, v. , p. -.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. . Ecomorfologia Trófica de Odontesthes bonariensis em Relação a sua Planctivoria no Reservatório de Salto Caxias-PR.. In: VI Congresso de Ecologia do Brasil, 2003, Fortaleza. VI Congresso de Ecologia do Brasil, 2003.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
ZAVADSKI, F. C. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. ; GASQUI, L. F. X. . Abundância e Hábito Alimentar de Odontesthes bonariensis (Valenciennes, 1835) no Reservatório de Salto Caxias, Rio Iguaçu, Paraná, Brasil.. In: IX Congresso Brasileiro de Limnologia, 2003, Juiz de Fora. Congresso Brasileiro de Limnologia, 2003.

2.
GASQUI, L. F. X. ; HAHN, N. S. ; ESPINOLA, L. ; CASSEMIRO, F. A. S. . Padrões de variação nas estratégias alimentares de Oligosarcus longirostris (Osteichthyes, Acestrorhynchinae) do reservatório de Salto Caxias, Rio Iguaçu?PR.. In: IX Congresso Brasileiro de Limnologia, 2003, Júiz de Fora. IX Congresso Brasileiro de Limnologia, 2003.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. . Padrões alométricos e ontogenéticos relacionados à alimentação de um peixe neotropical, Satanoperca pappaterra (Perciformes, Cichlidae). In: Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2007, Itajaí. XVII Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2007.

2.
DELARIVA, R. L. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. . Dieta de Pimelodus sp. no rio Iguaçu e tributários adjacentes: efeitos do barramento de Salto Caxias, PR.. In: XV Encontro Brasileiro de Icitiologia, 2003, São Paulo. XV Encontro Brasileiro de Icitiologia, 2003.

3.
BULLA, C. K. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; OBARA, A. T. . Projeto de Ensino: Montagem de Herbário e Noções Importantes Sobre Plantas Medicinais e Tóxicas. In: III Emabi, 2003, Maringá. III Emabi, 2003.

4.
CASSEMIRO, F. A. S.; BULLA, C. K. ; OBARA, A. T. . Estágio Supervisionado em Ciências como a Primeira Experiência Docente.. In: III Emabi, 2003, Maringá. III Emabi, 2003.

5.
BIDO, G. S. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; NOVAKOWSKI, G. C. ; GASQUI, L. F. X. ; ANDRIAN, I. . Variações sazonais da dieta de Geophagus brasiliensis no segundo ano de formação do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu-PR.. In: IV Encontro Maringaense de Biologia, 2002, Maringá. IV Encontro Maringaense de Biologia, 2002.

6.
GASQUI, L. F. X. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; BIDO, G. S. ; NOVAKOWSKI, G. C. ; HAHN, N. S. . Padrões de variação na dieta de Glanidium riberoi (Teleostei, Auchenipteridae), no reservatório de Salto Caxias - PR.. In: IV Encontro Maringaense de Biologia, 2002, Maringá. IV Encontro Maringaense de Biologia, 2002.

7.
CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. . Adaptabilidade tróficade Astyanax bimaculatus (PISCES, TETRAGONOPTERINAE) durante o represamento da UHE de Salto Caxias, Pr.. In: X encontro anual de iniciação científica- I encontro de pesquisa da UEPG, 2001, Ponta Grossa. X encontro anual de iniciação científica. Ponta Grossa: UEPG, 2001.

8.
DELARIVA, R. L. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. ; CARNEIRO, G. . Partição temporal de recursos alimentares entre espécies de Astyanax (CHARACIDAE, TETRAGONOPTERINAE) no rio Iguaçu-PR,Brasil.. In: XIV Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2001, São Leopoldo. XIV Encontro Brasileiro de Ictiologia, 2001.

9.
CASSEMIRO, F. A. S.; CARNEIRO, G. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; HAHN, N. S. . Alimentação natural do lambari Astyanax bimaculatus (Osteichtyes, Tetragonopterinae) no rio Iguaçu, PR.. In: II Encontro Maringaense de Biologia, 2000, Maringá. II Encontro Maringaense de Biologia, 2000.

10.
DELARIVA, R. L. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; CARNEIRO, G. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. . Comparação na dieta de espécies congenéricas de Rhamdia (Osteichthyes, Pimelodidae) na fase anterior à formação do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu- Pr.. In: II Encontro Maringaense de Biologia, 2000, Maringá. II Encontro Maringaense de Biologia, 2000.

11.
CARNEIRO, G. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; DELARIVA, R. L. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; HAHN, N. S. . Hábito alimentar de Gymnotus carapo (Osteichthyes, Gymnotidae) na fase anteriorà formação do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu, Pr.. In: II Encontro maringaense de Biologia, 2000, Maringá. II Encontro Maringaense de Biologia, 2000.

12.
LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; DELARIVA, R. L. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; CARNEIRO, G. ; HAHN, N. S. . Alimentação natural de mandi, Pimelodus ortimani (Osteichthyes, Pimelodidae) na fase anterior à formação do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu- Pr.. In: II Encontro Maringaense de Biologia, 2000, Maringá. II Encontro Maringaense de Biologia, 2000.

13.
CASSEMIRO, F. A. S.; BULLA, C. K. ; PAIVA, L. R. S. . Biologia reprodutiva de Iheringicthys labrosus ( Osteichthyes, Siluriformes) no reservatório de Corumbá e imediações.. In: II Encontro Maringaense de Biologia, 1999, Maringá. II Encontro Maringaense de Biologia, 2000.

14.
CASSEMIRO, F. A. S.; BULLA, C. K. ; PAIVA, L. R. S. ; AGOSTINHO, A. A. ; SUZUKI, H. I. . Biologia reprodutiva de pequi, Moenkhausia intermedia (Osteichtyes, Characiformes), no reservatório de Corumbá e imediações.. In: I Encontro Maringaense de Biologia, 1999, Maringá. I Encontro Maringaense de Biologia, 1999.

15.
CASSEMIRO, F. A. S.. Movimentos Estudantis de 64-80. In: Semana da Pedagogia: Trajetórias e Perspectivas, 1998, Maringá. VIII Semana de Pedagogia: Trajetórias e Perspectivas, 1998.

Apresentações de Trabalho
1.
CASSEMIRO, F. A. S.. Mechanistic models of species distribution based on physiological parameters and the metabolic theory of ecology. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Baily, D. ; SILVA, V. F. B. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; OLIVEIRA, A. G. ; GRACA, W. J. ; RANGEL, T. F. L. V. B. ; AGOSTINHO, A. A. . Efeitos das mudanças climáticas sobre a distribuição da s espécies migradoras da bacia Paraná-Paraguai. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
CASSEMIRO, F. A. S.; Baily, D. ; GRACA, W. J. ; AGOSTINHO, A. A. . The invasive potential of non-native tilapias in the Americas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
MENEZES, A. E. ; SILVA, V. F. B. ; Baily, D. ; CASSEMIRO, F. A. S. . Efeitos das mudanças climáticas sobre a distribuição de Piaractus mesopotamicus (Characiformes, Serrasalmidae) na bacia dos rios Paraná-Paraguai. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
RODRIGUES, H. ; CASSEMIRO, F. A. S. . Efeitos potenciais das mudanças climáticas futuras sobre a distribuição de um anuro da Caatinga. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
Gouveia, S.F. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Amphibians' diversity and global climatic instability through space and time. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
Gouveia, S.F. ; LEMES, P. ; Dobrovolski ; CASSEMIRO, F. A. S. ; Diniz-Filho, J.A.F. . Glassfrogs get larger at higher altitudes: a macroecological perspective. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. . Padrões alométricos e ontogenéticos relacionados à alimentação de um peixe neotropical, Satanoperca pappaterra (Perciformes, Cichlidae). 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. . Ecomoformologia trófica do peixe-rei, Odontesthes bonariensis, em relação à sua planctivoria no reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu, Paraná, Brasil. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
DELARIVA, R. L. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. . Dieta de Pimelodus sp no rio Iguaçu e tributários adjacentes: efeitos do barramento de Salto Caxias, Pr. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
CASSEMIRO, F. A. S.; BULLA, C. K. ; OBARA, A. T. . Estágio supervisionado em ciências como primeira experiência docente. 2003. (Apresentação de Trabalho/Outra).

12.
BULLA, C. K. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; OBARA, A. T. . Projeto de ensino: montagem de herbário e noções importantes sobre plantas medicinais e tóxicas. 2003. (Apresentação de Trabalho/Outra).

13.
CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. . Adaptabilidade trófica de Astyanax bimaculatus (Pisces, Tetragonopiterinae) antes e após a formação do reservatório de Salto Caxias, PR. 2002. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
NOVAKOWSKI, G. C. ; GASQUI, L. F. X. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; BIDO, G. S. ; HAHN, N. S. . Alimentação de lambari (Astyanax sp) no reservatório de Salto Caxias. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
CASSEMIRO, F. A. S.; HAHN, N. S. . Adaptabilidade trófica de Astyanax bimaculatus durante o represamento da UHE de Salto Caxias, PR.. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; DELARIVA, R. L. ; CARNEIRO, G. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. . Alimentação natural do mandi, Pimelodus ortimanni, na fase anterior do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu - PR. 2000. (Apresentação de Trabalho/Outra).

17.
CASSEMIRO, F. A. S.; CARNEIRO, G. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; DELARIVA, R. L. ; HAHN, N. S. . Alimentação natural do lambari Astyanax bimaculatus, no rio Iguaçu, PR. 2000. (Apresentação de Trabalho/Outra).

18.
DELARIVA, R. L. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; CARNEIRO, G. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; HAHN, N. S. . Comparação na dieta de espécies congenéricas de Rhamdia na fase anterior à formação do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu - PR. 2000. (Apresentação de Trabalho/Outra).

19.
CARNEIRO, G. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; DELARIVA, R. L. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; HAHN, N. S. . Hábito alimentar de Gymnotus carapo na fase anterior ao represamento de do reservatório de Salto Caxias, rio Iguaçu - PR. 2000. (Apresentação de Trabalho/Outra).

20.
PAIVA, L. R. S. ; ATAIDES, D. ; BULLA, C. K. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; SUZUKI, H. I. ; AGOSTINHO, A. A. . Biologia reprodutiva de Iheringichthys labrosus (Osteichthyes, Siluriformes) no reservatório de Corumbá e imediações. 1999. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
KAGUEIAMA, A. ; BULLA, C. K. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; CORADINI, L. S. ; BARTZ, M. L. ; GRENIER, S. ; HIROSE, K. . Movimentos estudantis de 64-80. 1998. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
CASSEMIRO, F. A. S.. 6o Relatório Técnico do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2016.

2.
CASSEMIRO, F. A. S.. Programa de resgate da ictiofauna nas ensecadeiras da UHE Sinop. 2016.

3.
CASSEMIRO, F. A. S.. Monitoramento da Ictiofauna da UHE Serra do Facão. 2016.

4.
CASSEMIRO, F. A. S.. Monitoramento da Ictiofauna Indígena. 2016.

5.
CASSEMIRO, F. A. S.. 5o Relatório Técnico do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2015.

6.
CASSEMIRO, F. A. S.. Programa de Monitoramento da Ictiofauna da UHE Cana Brava. 2015.

7.
CASSEMIRO, F. A. S.. 4o Relatório Técnico do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2014.

8.
CASSEMIRO, F. A. S.. 3o Relatório Técnico do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2013.

9.
CASSEMIRO, F. A. S.. 2o Relatório Técnico do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2012.

10.
CASSEMIRO, F. A. S.. 1o Relatório Técnico do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2011.

Trabalhos técnicos
1.
CASSEMIRO, F. A. S.. Programa de monitoramento da ictiofauna na fase pós-enchimento do reservatório da UHE Cana Brava, GO.. 2013.

2.
COSTA, M. C. ; SILVA, N. J. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; BARTHEM, R. B. ; BORGES, K. ; AGOSTINHO, A. A. . II Relatório Técnico Semestral do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2013.

3.
CASSEMIRO, F. A. S.; COSTA, M. C. ; SILVA, N. J. ; BARTHEM, R. B. . I Relatório Semestral do Subprograma de Monitoramento da Atividade Pesqueira da UHE Jirau. 2013.

4.
CASSEMIRO, F. A. S.; COSTA, M. C. ; SILVA, N. J. ; BARTHEM, R. B. . II Relatório Semestral do Subprograma de Monitoramento da Atividade Pesqueira da UHE Jirau. 2013.

5.
CASSEMIRO, F. A. S.. Relatório Técnico Final do Programa de Resgate e Salvamento da Ictiofauna da UHE Jirau. 2012.

6.
CASSEMIRO, F. A. S.. Relatório Técnico Final do Programa de Monitoramento da Ictiofauna da PCH Mosquitão - GO. 2012.

7.
CASSEMIRO, F. A. S.. Plano Básico Ambiental da UHE Belo Monte: projeto de monitoramento da avifauna aquática e semiaquática. 2012.

8.
COSTA, M. C. ; SILVA, N. J. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; BORGES, K. ; BARTHEM, R. B. ; SANTIAGO, F. C. . II Relatório Técnico do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2012.

9.
COSTA, M. C. ; SILVA, N. J. ; SANTIAGO, F. C. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; BORGES, K. ; BARTHEM, R. B. ; AGOSTINHO, A. A. . I Relatório Técnico Semestral do Programa de Conservação da Ictiofauna da UHE Jirau. 2012.

10.
CASSEMIRO, F. A. S.. I Relatório Técnico Anual do Programa de Conservação da Ictiofauna da Usina Hidrelétrica de Jirau. 2011.

11.
CASSEMIRO, F. A. S.; BALASSA, G. ; BORGES, R. ; LOUREIRO-CRIPPA, V. E. ; CUNHA, F. ; GALINA, A. B. ; GALUCH, A. V. ; GRACA, W. J. ; GOMES, F. ; KIPPER, D. ; NOVAKOWSKI, G. ; OLIVEIRA, A. ; SANTIN, M. ; SILVA, G. C. ; SILVA, M. R. . Biologia pesqueira e pesca na área de influência do APM Manso - Relatório Final - Ictiofauna. 2005.

12.
SANTOS, A. F. ; LACERDA, A. C. ; CORREA, C.E. ; Baily, D. ; BULLA, C. K. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; ESPINOLA, L. ; GRACA, W. J. ; GUBIANI, E. A. ; SANTOS, D. A. R. T. ; SILVA, G. C. . A planície de inundação do alto rio Paraná - Programa Peld/CNPq - site 6. 2005.

13.
Baily, D. ; BULLA, C. K. ; CASSEMIRO, F. A. S. ; ESPINOLA, L. ; FERRARI, A. P. ; GRACA, W. J. ; GUBIANI, E. A. ; SANTOS, D. A. R. T. ; SILVA, G. C. . A planície de inundação do alto rio Paraná - Programa Peld/CNPq - site 6. 2004.

14.
CASSEMIRO, F. A. S.. Reservatório de Salto Caxias: Bases Ecológicas para o Manejo.. 2002.

15.
CASSEMIRO, F. A. S.. A Planície de Inundação do Alto Rio Paraná.. 2000.

16.
CASSEMIRO, F. A. S.. Estudos Ictiológicos da Área de Influência do AHE Corumbá - Fase Reservatório.. 1999.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
CASSEMIRO, F. A. S.; CRUZ-NETO, A. ; VIEIRA, M. V. . The search for causal mechanisms: energetic and metabolic models in ecology. 2018. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).


Demais tipos de produção técnica
Demais trabalhos
1.
CASSEMIRO, F. A. S.. Plantas Medicinais. 1999 (Palestra proferida) .

2.
CASSEMIRO, F. A. S.. Antropologia anatômica e cultural. 1999 (Palestra proferida) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
CASSEMIRO, F. A. S.; CARNEIRO, F. M.; TERESA, F. B.. Participação em banca de João Paulo Francisco de Souza. Diversidade fitoplanctônica: o papel de mudnaças na dinâmica de uso do solo em veredas e riachos. 2018. Dissertação (Mestrado em Recursos Naturais do Cerrado (Renac)) - Universidade Estadual de Goiás.

2.
Diniz-Filho, J.A.F.; Loyola, R.D.; CASSEMIRO, F. A. S.; VALDUJO, P.. Participação em banca de Mariana Cristina Gomes Batista. Estrutura Filogenética do Risco de Extinção e Perda de História Evolutiva de Anuros do Novo Mundo. 2013. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

3.
Diniz-Filho, J.A.F.; CAPARROZ, R.; NABOUT, J. C.; BARBERI, M.; CASSEMIRO, F. A. S.. Participação em banca de Mariana Rocha dos Santos. Oscilações climáticas no neogeno e os efeitos da dinâmica evolutiva na distribuição das espécies. 2011. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

Teses de doutorado
1.
CASSEMIRO, F. A. S.; PEREIRA, R.; TERESA, F.; ALMEIDA NETO, M.; Melo, S. A.. Participação em banca de Luciano Fabris Sgarbi. Determinantes da raridade das espécies e seus efeitos sobre a estrutura de comunidades biológicas. 2018. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

2.
Diniz-Filho, J.A.F.; Terribile, L.C.; TESSAROLO, G.; DAMBROS, C.; CASSEMIRO, F. A. S.. Participação em banca de Rosana Talita Braga. Padrões Espaciais de Abundância e Diversidade Genética em Paisagens Dinâmicas. 2016. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

3.
CASSEMIRO, F. A. S.; ORSI, M.; MORMUL, R.; GOMES, L. C.. Participação em banca de Rafael Marcos Tófoli. Mudanças climáticas e hidrelétricas: efeitos sinérgicos sobre peixes migradores do Brasil. 2015. Tese (Doutorado em Ecologia de Ambientes Aquáticos Continentais) - Universidade Estadual de Maringá.

4.
CASSEMIRO, F. A. S.; Terribile, L.C.; MACIEL, N.; SANT'ANA, C. E. R. S.; Diniz-Filho, J.A.F.. Participação em banca de Sidney Feitosa Gouveia. ORIGEM E NATUREZA DE PADRÕES MACROECOLÓGICOS EM ANFÍBIOS: ANTIGAS QUESTÕES, NOVAS ABORDAGENS. 2013. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

5.
CASSEMIRO, F. A. S.; Diniz-Filho, J.A.F.; VELHO, F. M.; De Marco Jr., P.. Participação em banca de Olívia Penatti Pinese. MACROECOLOGIA DO ZOOPLÂNCTON CONTINENTAL: PADRÕES LATITUDINAIS E COMPONENTES LOCAIS E REGIONAIS NA DETERMINAÇÃO DA DIVERSIDADE GLOBAL. 2012. Tese (Doutorado em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.

Qualificações de Doutorado
1.
HORTAL, J.; CASSEMIRO, F. A. S.; Diniz-Filho, J.A.F.. Participação em banca de Guilherme de Oliveira. BIOGEOGRAFIA DA CONSERVAÇÃO, MUDANÇAS GLOBAIS E DESENVOLVIMENTO HUMANO NA REGIÃO DO SEMI-ÁRIDO BRASILEIRO (BIOMA CAATINGA). 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia e Evolução) - Universidade Federal de Goiás.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Simpósio de Ecologia Teórica.Modelos energéticos e metabólicos em ecologia. 2018. (Simpósio).

2.
XVI Congresso Brasileiro de Limnologia. The invasive potential of non-native tilapias in the Americas. 2017. (Congresso).

3.
Simpósio de Ecologia Teórica. 2011. (Simpósio).

4.
XVII Encontro Brasileiro de Ictiologia. Ontogenetic pattern of Satanoperca pappaterra. 2007. (Congresso).

5.
IX Congresso Brasileiro de Limnologia. Adundância e hábito alimentar de Odontesthes bonariensis no reservatório de Salto Caixia, rio Iguaçu, Paraná, Brasil. 2003. (Congresso).

6.
V Encontro Maringaense de Biologia.V Encontro Maringaense de Biologia. 2003. (Encontro).

7.
VI Congresso Brasileiro de Ecologia?.. VI Congresso Brasileiro de Ecologia.. 2003. (Congresso).

8.
XV Congresso Brasileiro de Ictiologia. Feeding morphology of Silver fish. 2003. (Congresso).

9.
XV Congresso Brasileiro de Ictiologia.XIV Encontro Brasileiro de Ictiologia. 2003. (Encontro).

10.
54.ª Reunião Anual da SBPC.54.ª Reunião Anual da SBPC. 2002. (Outra).

11.
IV Encontro Maringaense de Biologia.IV Encontro Maringaense de Biologia. 2002. (Encontro).

12.
XXIV Congresso Brasileiro de Zoologia. 2002. (Congresso).

13.
1.º Fórum Ambiental de Maringá. 2001. (Simpósio).

14.
VIII Congresso Brasileiro de Limnologia. VIII Congresso Brasileiro de Limnologia. 2001. (Congresso).

15.
X Encontro Anual de iniciação científica e I Encontro de Pesquisa da UEPG.X Encontro Anual de iniciação científica e I Encontro de Pesquisa da UEPG. 2001. (Encontro).

16.
XIV Encontro Brasileiro de Ictiologia. XIV Encontro Brasileiro de Ictiologia. 2001. (Congresso).

17.
II Econtro Maringaense de Biologia.II Econtro Maringaense de Biologia. 2000. (Encontro).

18.
XXIII Congresso Brasileiro de Zoologia. XXIII Congresso Brasileiro de Zoologia. 2000. (Congresso).

19.
I Encontro Maringaense de Biologia.I Encontro Maringaense de Biologia. 1999. (Encontro).

20.
IV Semana de Artes da UEM e I Mostra do Museu Dinâmico interdisciplinar. 1999. (Encontro).

21.
6ªReunião Brasileira Para o Progresso da Ciência-SBPC. 1998. (Encontro).

22.
VIII Semana da Pedagogia: Trajetórias e Perspectivas.VIII Semana da Pedagogia: Trajetórias e Perspectivas. 1998. (Encontro).

23.
XIII Semana da Biologia. 1998. (Outra).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Tese de doutorado
1.
Ariane Guimarães. Padrão espacial e impacto humano na distribuição de diatomáceas nas bacias brasileiras. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Recursos Naturais do Cerrado) - Universidade Estadual de Goiás. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Iniciação científica
1.
Hauanny Rodrigues Oliveira. Modelagem de distribuição potencial e os efeitos das mudanças climáticas em anuros. 2011. Iniciação Científica - Universidade Federal de Goiás, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Fernanda Aparecida da Silva Cassemiro.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/11/2018 às 8:04:01