Miriam Campolina Diniz Peixoto

Bolsista de Pós-doutorado no Exterior do CNPq

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4876806532896462
  • Última atualização do currículo em 30/10/2018


Professora associada III da Universidade Federal de Minas Gerais, membro permanente do Programa de Pós-graduação em Filosofia da UFMG, junto ao qual coordena a linha de Pesquisa em Filosofia Antiga e Medieval. Membro do Grupo Filosofia Antiga - GFA da mesma instituição. Graduada em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1985); Graduada em Filosofia pela UFMG e pela Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (1989-1991); Mestre em Filosofia pela Universidade Federal de Minas Gerais (1995, bolsista CAPES); Doutora em Filosofia pela Université Marc Bloch - Strasbourg II - (França, 2000, bolsista CAPES). Realizou estágio de pós-doutoramento com bolsa da CAPES na modalidade Estágio Sênior na Università degli Studi di Napoli Federico II (Itália, 2010-2011). Desde 2011 é membro do Conselho da International Association for Presocratics Studies - IAPS. Desde 2008 é membro da Associação Latino-americana de Filosofia Antiga - ALFA. Faz parte do Conselho Editorial da Coleção Sabedoria Antiga das Edições Loyola e da Coleção FAJE da mesma editora. Tem experiência na área de Filosofia Antiga, com ênfase em Filosofia Pré-Socrática, interessando-se principalmente pelos seguintes temas: Antropologia, psicologia, filosofia da natureza, Atomismo antigo, ética, medicina antiga, recepção e transmissão da filosofia pré-socrática. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Miriam Campolina Diniz Peixoto
Nome em citações bibliográficas
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Minas Gerais, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.
Av. Presidente Antonio Carlos, 6627 - FAFICH
Pampulha
31270901 - Belo Horizonte, MG - Brasil
Telefone: (31) 34095081
Fax: (31) 34995041
URL da Homepage: www.fafich.ufmg.br/fil


Formação acadêmica/titulação


1996 - 2000
Doutorado em Philosophie.
Université Strasbourg II - Marc Bloch, UMB, França.
Título: De la summetria du monde à la summetria de l'âme: le rôle de la notion de mesure dans l'éthique de Démocrite, Ano de obtenção: 2000.
Orientador: Jean Frère.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Filosofia grega; Etica Grega; Pré-Socráticos; Democrito; métron; kairos.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia / Especialidade: Filosofia Antiga.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
Setores de atividade: Educação.
1991 - 1995
Mestrado em Filosofia.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: O Filosofo-Artista: Mundo e Filosofia na Obra de Friedrich Nietzsche,Ano de Obtenção: 1995.
Orientador: Ivan Domingues.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Teoria do Conhecimento; Perspectivismo; O problema da interpretação; Cosmologia; Arte e Filosofia; Filosofia Nietzscheana.
Grande área: Ciências Humanas
Setores de atividade: Educação.
1989 - 1991
Graduação em Filosofia.
Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, FAJE, Brasil.
1981 - 1985
Graduação em Serviço Social.
Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC Minas, Brasil.


Pós-doutorado


2018
Pós-Doutorado.
Université Paris 1 Pantheon-Sorbonne, PARIS 1, França.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
2010 - 2011
Pós-Doutorado.
Universita degli Studi di Napoli Federico II, UNINA, Itália.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.


Formação Complementar


2018 - 2018
Orfismo, entre religión y filosofia.. (Carga horária: 8h).
Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, FAJE, Brasil.
2018 - 2018
Causalidade e psykhé no Fédon de Platão.. (Carga horária: 12h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2017 - 2017
Amistad y concordia en el estoicismo. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2017 - 2017
La amistad y los límites de la comunidad: Platón y Aristóteles.. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2015 - 2015
El vocabulario de los Presocráticos. (Carga horária: 10h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2015 - 2015
Introdución a la 'filosofia presocrática'. (Carga horária: 10h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2011 - 2011
Da Parmenide al Parmenide di Platone. (Carga horária: 10h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
1996 - 1997
Papirologia. (Carga horária: 120h).
Université Marc Bloch - Strasbourg II, UMB - STRASBOURG, França.
1991 - 1992
Grego Clássico. (Carga horária: 240h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Aprovada em processor de promoção à Classe de Professor Associado.

Vínculo institucional

2004 - 2013
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

1996 - 1996
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Convidado, Carga horária: 2
Outras informações
Ministrei a disciplina: Leitura do diálogo "Filebo" de Platao no Curso de Especializaçao em Temas Filosoficos, oferecido pelo Departamento de Filosofia da UFMG.

Vínculo institucional

1992 - 1993
Vínculo: Professora Substituta, Enquadramento Funcional: Contrato Temporario, Carga horária: 20
Outras informações
Lecionei a disciplina "Logica do Pensamento Cientifico".

Vínculo institucional

1991 - 1992
Vínculo: Monitor de Pos-Graduaçao, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Enquanto monitora de Pos-Graduaçao, lecionei a disciplina "Cultura Grega A: Os Pré-Socraticos"

Atividades

02/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

04/2013 - Atual
Direção e administração, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Coordenadora da Linha de Pesquisa em Filosofia Antiga e Medieval / Programa de Pós-Graduaçao em Filosofia.
02/2013 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

08/2008 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

03/2001 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Letras, .

03/2018 - 06/2018
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da Filosofia Antiga I
Tópicos em Filosofia Antiga: Prolegômenos à leitura de textos da filosofia antiga
08/2017 - 06/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Membro suplente do Colegiado do Programa de Pós-Graduação em Filosofia.
04/2016 - 06/2018
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas.

Atividade realizada
Coordenação do Programa de Monitorias de Graduação.
08/2017 - 12/2017
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos em Filosofia Antiga: Leitura do Anônimo de Jâmblico
Topicos em Filosofia Antiga: Natureza, lei e justiça no século V a.C.
07/2017 - 12/2017
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Figuras da alteridade na Filosofia anterior a Platão
03/2017 - 07/2017
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da Filosofia Grega I
História da Filosofia Grega (noturno)
Laboratório de Ensino de Filosofia
Tópicos em Filosofia Grega: sensação, percepção e pensamento na Antiguidade
08/2016 - 01/2017
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário em Filosofia Grega: concepções de justiça.
Tópicos em Filosofia Antiga: medida e felicidade em Demócrito de Abdera
03/2015 - 08/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Membro da Camara Departamental - Departamento de Filosofia.
03/2016 - 06/2016
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução a Filosofia
03/2016 - 06/2016
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos em Filosofia Antiga: Figuras do Negativo na Filosofia anterior a Platão
03/2016 - 03/2016
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de Filosofia Antiga e Medieval
08/2015 - 12/2015
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da Filosofia Grega II
Laboratório de Ensino de Filosofia II
03/2015 - 06/2015
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos em Filosofia: Filosofia e Literatura. Uma leitura da obra "Campos Gerais" de João Guimarães Rosa
Tópicos em Filosofia Grega: o problema da geração e da corrupção na filosofia pré-socrática
08/2014 - 11/2014
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Laboratório de Ensino de Filosofia II
Prática de Pesquisa II: Leitura de Textos de Filosofia Antiga - Concepções de psyche.
08/2014 - 11/2014
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário Permanente da Linha de Pesquisa em Filosofia Antiga e Medieval: Noções, conceitos e categorias da filosofia antiga.
02/2014 - 06/2014
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da Filosofia Grega I
Laboratório de Ensino de Filosofia
08/2013 - 12/2013
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Prática de Pesquisa II: Os três primeiros livros da "ética Nicomaquéia" de Aristóteles.
08/2013 - 12/2013
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Filosofia Antiga - Da fisiologia à psicologia : a reflexão sobre a natureza humana nos sécs. V e IV a.C.
03/2013 - 07/2013
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Grega I
03/2013 - 07/2013
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Topicos em Filosofia Grega: A vida segundo a natureza na filosofia Helenistica
02/2011 - 02/2013
Direção e administração, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
02/2011 - 02/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Membro Titular da Congregaçao da Faculdade de Filosofia e Ciencias Humanas.
02/2011 - 02/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Membro da Camara Departamental.
09/2012 - 12/2012
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Topicos em Filosofia Antiga: Os tratados sobre o destino e a providencia na Antiguidade.
09/2012 - 12/2012
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminario em Filosofia Grega: o problema do movimento e da mudanca nos Pré-Socraticos e em Aristoteles.
03/2012 - 07/2012
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Grega
Iniciacao a Docencia
Trabalho de Conclusao de Curso
08/2011 - 12/2011
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Grega II
Seminario Tematico: Questoes de Antropologia
Trabalho de Conclusao de Curso
03/2011 - 07/2011
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em História da Filosofia: Entre o visível e o invisível ? a reflexão sobre a percepção na filosofia anterior a Platão.
03/2011 - 07/2011
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Iniciaçao a Docencia
Pratica de Pesquisa
08/2009 - 12/2009
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminario em Filosofia Grega
Topicos em Filosofia Grega
08/2009 - 12/2009
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminario de Historia da Filosofia: Filosofia e Matematica na Antiguidade.
08/2008 - 12/2009
Direção e administração, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, .

Cargo ou função
Sub-chefe de Departamento.
08/2006 - 12/2009
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Linhas de pesquisa
Filosofia Antiga e Medieval.
03/2009 - 07/2009
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos de Filosofia Grega: Sobre a Temperança.
03/2009 - 07/2009
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia Filosofica
10/2008 - 12/2008
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Seminario de Historia da Filosofia: As concepçoes de physis na Antiguidade.
08/2008 - 12/2008
Ensino, Especializaçao em Temas Filosoficos, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Sentir, perceber e pensar o mundo: reflexoes pré-platonicas.
08/2008 - 12/2008
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos em Filosofia Grega: Concepções de kosmos na filosofia Pré-Socrática
Seminario de Filosofia Grega: A vida segundo a natureza na filosofia helenistica: Epicuristas, Estoicos e Cinicos.
02/2008 - 07/2008
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Laboratório de Ensino de Filosofia.
Tópicos Especiais em Filosofia Grega: O problema da intelecção e da sensação na filosofia anterior a Platão.
08/2007 - 12/2007
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Grega II
Topicos em Etica: os tratados sobre a tranquilidade da alma. Sêneca e Plutarco.
09/2005 - 09/2007
Direção e administração, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Cargo ou função
Membro da Câmara Departamental.
03/2007 - 07/2007
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Historia da Filosofia Antiga: Figurações da Melancolia.
02/2007 - 07/2007
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos de Filosofia Grega: Corpo, alma e saúde na filosofia anterior a Platão.
08/2006 - 12/2006
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introduçao a Filosofia: ética
Seminario de Filosofia Grega: A física da felicidade no Atomismo Antigo. Democrito, Epicuro e Lucrécio.
12/2004 - 12/2006
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Departamento de Filosofia.

Atividade de extensão realizada
Coordenaçao do Curso de Especializaçao em Temas Filosoficos..
03/2006 - 06/2006
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia Filosofica
03/2006 - 06/2006
Ensino, Terapia Ocupacional, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Ciência Biologica
03/2006 - 06/2006
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Topicos em Filosofia Grega: Os tratados sobre as paixoes no período imperial. Plutarco, Sêneca e Galeno.
08/2005 - 12/2005
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Grega II
Topicos em Filosofia Grega: "empeiria", "techne" e "episteme" na filosofia e na medicina no século V a.C.
08/2005 - 12/2005
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Leitura da "Etica a Nicomaco" de Aristoteles (Estudo Especiall)
08/2004 - 12/2005
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas.

Atividade realizada
Coordenação do Programa de Iniciação a Docencia - PID do Departamento de Filosofia.
03/2005 - 06/2005
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em Historia da Filosofia Antiga: Medida e Felicidade na ética de Democrito.
03/2005 - 06/2005
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Grega I
08/2004 - 12/2004
Ensino, Enfermagem, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Filosofia B: As Concepções de alma na Filosofia Antiga.
08/2004 - 12/2004
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à Pesquisa em Filosofia
Laboratorio de Ensino em Filosofia
04/2004 - 07/2004
Ensino, Direito, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introduçao a Filosofia: ética.

Universita degli Studi di Napoli Federico II, UNINA, Itália.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 6
Outras informações
Curso de 30 horas-aula para os alunos que preparam a tese de Laurea em Filosofia, condividido com a Professora Lidia Palumbo, sobre o "Simposio" de Platao.


Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, FAJE, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Convênio UFMG/FAJE, Carga horária: 4
Outras informações
Seminário de Monografia (Graduação) Tópicos Especias em História da Ética Antiga: O problema da virtude em Platão e Aristóteles (Pós-Graduação)

Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Convênio UFMG/CES, Carga horária: 4
Outras informações
Convênio UFMG/CES

Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Convênio UFMG/CES, Carga horária: 4
Outras informações
Seminário de Introdução à Pesquisa Filosófica Grupo de Estudos: As reflexões sobre a Amizade na Filosofia Antiga. Demócrito, Platão, Aristóteles, Epicuro, Cícero, Sêneca e Plutarco.

Vínculo institucional

2002 - 2004
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Associado Adjunto, Carga horária: 8
Outras informações
Carga horaria distribuida como se segue: Disciplina "Historia da Filosofia Antiga" (4) Grupo de Estudo : Leitura da "Apologia de Socrates" de Platão (2) Grupo de Estudo : A Reflexão sobre a Virtude na Etica Antiga (Platão e Aristoteles) (2)

Vínculo institucional

2001 - 2002
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Associado Adjunto, Carga horária: 4

Vínculo institucional

1993 - 2000
Vínculo: Servidor público ou celetista, Enquadramento Funcional: Professor Externo, Carga horária: 8
Outras informações
Licença sem vencimento, no periodo de 08/1996 a 12/2000, para realização de doutorado no exterior.

Atividades

08/2007 - 11/2007
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de Monografia
08/2006 - 11/2006
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
O problema da virtude em Platão e Aristóteles
08/2006 - 11/2006
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de Monografia
03/2006 - 06/2006
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário de Monografia
08/2005 - 11/2005
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Grupo de Estudos: Os Tratados sobre as paixões da alma na modernidade.
Reflexões sobre a educação na Filosofia Clássica: Montaigne, Rousseau e Nietzsche
02/2004 - 04/2004
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Antiga I
Historia da Filosofia Antiga II
Seminario de Monografia I
08/2003 - 04/2004
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia, .

Atividade de extensão realizada
Coordenação do Evento quinzenal "Sexta Filosófica".
10/2002 - 04/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia, .

Cargo ou função
Conselho Editorial da Revista.
09/2002 - 04/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Faculdade de Filosofia, .

Cargo ou função
Comissão da Biblioteca: Responsavel pelo acervo de Filosofia junto à Biblioteca do ISI-CES..
08/2002 - 04/2004
Direção e administração, Congregação, .

Cargo ou função
Representante dos Professores Adjuntos junto a Congregação.
08/2002 - 04/2004
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Filosofia, Faculdade de Filosofia.

Atividade realizada
Coordenação do Projeto.
08/2003 - 12/2003
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Leitura da Genealogia da Moral de F. Nietzsche
Leitura da Metafísica de Aristóteles
08/2003 - 12/2003
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia, .

Atividade de extensão realizada
Curso de Extensão Universitaria :.
03/2003 - 07/2003
Ensino, Teologia, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Lingua Grega (NT) I: Morfologia
02/2003 - 07/2003
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Etica I
Historia da Filosofia Antiga
Introdução à Filosofia. Os Pré-Socraticos.
08/2002 - 02/2003
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia, .

Atividade de extensão realizada
Coordenação do Nucleo de Extensão e Especialização.
08/2002 - 12/2002
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Leitura da Fundamentação da Metafisica dos Costumes de Kant.
Leitura da Etica a Nicômacos de Aristoteles
08/2002 - 12/2002
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia, .

Atividade de extensão realizada
Curso de Extensão Universitaria : "O Homem a descoberto: o nascimento da antropologia antiga" (30 Horas/aula).
10/2002 - 11/2002
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia, Nucleo de Extensão e Especialização.

Atividade de extensão realizada
Curso de Extensão (8 horas/aula): As Multiplas Faces do Amor. As Concepções do Amor na Antiguidade..
03/2002 - 06/2002
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Etica I
Historia da Filosofia Antiga
Leitura da Apologia de Socrates
O problema da virtude em Platão e Aristoteles
8/2001 - 11/2001
Extensão universitária , Faculdade de Filosofia, Nucleo de Extensão e Especialização.

Atividade de extensão realizada
Curso de Extensão (30 horas/aula) : Os Antigos Gregos e a Busca de uma Medida.
3/2001 - 11/2001
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Antiga
Grupo de Estudos : Etica de Platão e Aristoteles
3/1993 - 12/2000
Ensino, Filosofia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Historia da Filosofia Antiga
Seminario de Filosofia : Leitura de textos classicos

Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador colaborador, Carga horária: 4

Atividades

03/2006 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Grupo Archai - As origens da Filosofia Ocidental, Grupo Archai - As origens da Filosofia Ocidental.

Atividade realizada
Vice-líder do Grupo ARCHAI: As origens do Pensamento Ocidental.

Universidade Federal do Ceará, UFC, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Visitante
Outras informações
Missao docente no quadro do PROCAD Filosofia Antiga (UFMG/UFRN/UFC)

Atividades

11/2012 - 11/2012
Ensino, Filosofia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Metodologia da Pesquisa em Filosofia Antiga (Mini curso de 15 horas/aula no quadro do PROCAD Filosofia Antiga UFMG/UFRN/UFC

Fund Educacional Monsenhor Messias Fac de Filosofia Ciências e Letras, FEMM/FALE, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2002
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 20

Vínculo institucional

1994 - 2001
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 8
Outras informações
Afastamento do pais (licença sem vencimento) no periodo de 08/1996 a 01/2001 para realização de doutoramento em Filosofia junto à Université de Strasbourg II / Marc Bloch (França). Tese defendida e aprovada em 18/11/2001

Atividades

03/2001 - 07/2002
Extensão universitária , Centro de Pesquisa e Extensao, .

Atividade de extensão realizada
Coordenação.
03/2001 - 7/2001
Direção e administração, Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Sete Lagoas, Centro de Pesquisa e Extensão.

Cargo ou função
Coordenaçao do Centro de Pesquisa e Extensao.
8/1994 - 7/2001
Ensino, Letras, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução a Filosofia
Filosofia da Educaçao

Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC Minas, Brasil.
Vínculo institucional

1991 - 1991
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 8
Outras informações
Professor aulista.

Atividades

2/1991 - 6/1991
Ensino, Estudos Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Iniciação Filosófica

Fundação Mineira de Educação e Cultura, FUMEC, Brasil.
Vínculo institucional

1993 - 1993
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor convidado, Carga horária: 4

Atividades

08/1993 - 12/1993
Ensino, Psicologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cultura Grega: a descoberta da interioridade

Nucleo de Filosofia Sônia Viegas, NFSV, Brasil.
Vínculo institucional

1991 - 1995
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Eventual, Carga horária: 2

Atividades

03/1992 - 07/1995
Ensino, Filosofia, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
Introdução ao pensamento de F. Nietzsche: a filosofia de Zaratustra
Introdução ao Estudo da Cultura Grega: historia, arquitetura, mitologia, arte, literatura e filosofia.
Lei e Desejo na Tragédia Grega
Historia da Filosofia Antiga : Periodo Helenistico
Historia da Filosofia Antiga : Socrates, Platão e Aristoteles
Historia da Filosofia Antiga : Os Sofistas
Historia da Filosofia Antiga: Os Pré-Socraticos
Introdução à Filosofia
05/1991 - 03/1992
Outras atividades técnico-científicas .

Atividade realizada
Organização e Publicação do Volume "Amor e Criatividade", reunindo textos da Prof. Sônia Viegas (falecida em 1989)..

International Association for Presocratics Studies, IAPS, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Membro do Conhselho Diretor, Enquadramento Funcional: Socio Fundador, Carga horária: 4



Linhas de pesquisa


1.
Nucleo de Estudos Antigos e Medievais - NEAM/FALE; FAFICH/UFMG
2.
Seminario Permanente de Estudos Pré-Socráticos
3.
Grupo de Pesquisa em Filosofia Antiga
4.
Estratégias de recepção de temas e doutrinas filosóficas na Antiguidade: assimilações, refutações e omissões
5.
Filosofia Antiga e Medieval.


Projetos de pesquisa


2014 - Atual
PROCAD Filosofia Antiga (UFMG/UFC/UFU): Leituras e releituras da filosofia antiga na Antiguidade
Descrição: O Procad Leituras e releituras da filosofia antiga na Antiguidade visa incentivar a consolidação de dois grupos emergentes de filosofia antiga no país, a saber, o grupo de pesquisadores das equipes associadas 1 (UFC) e 2 (UFU). Nosso objetivo é analisar, discutir e produzir textos sobre diversos temas e autores da filosofia antiga e de áreas afins que pesquisamos. O repertório de autores de nossas pesquisas compreende desde os pré-socráticos até Plotino e elas abrangem igualmente áreas colaterais ao exercício filosófico propriamente dito no mundo antigo, tais como os mitos, a medicina, a sofística, as tragédias e a retórica. Nossas pesquisas são divididas em dois momentos: o que chamamos de ?leituras? ocupa-se com uma interpretação acurada e cuidadosa de um determinado tema ou autor dentre o espectro supra mencionado. O outro, que intitulamos ?releituras? tem por meta o estudo da recepção de um determinado autor ou tema por um autor antigo mais tardio. Claro que, nesse caso, a ênfase pode recair quer na análise da adulteração de um pensamento por um filósofo posterior quer na análise de como esse filósofo mais tardio se apropriou de modo original de um determinado tema ou autor anterior a ele. Além disso, cabe mencionar que, para além da recepção desses temas e autores na Antiguidade, alguns de nossos pesquisadores também se ocupam de como a posteridade, seja a modernidade (tradição kantiana), seja a contemporaneidade (literatura, cinema e filosofia contemporânea) se apropriaram dessa herança cultural..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Mestrado acadêmico: (15) / Doutorado: (14) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Integrante / Marcelo Pimenta Marques - Integrante / Fernando Rey Puente - Coordenador / Maria Cecilia de Miranda Nogueira Coelho - Integrante / Maria Aparecida de Paiva Montenegro - Integrante / Ana Maria César Pompeu - Integrante / Orlando Luiz de Araújo - Integrante / Hugo Filgueiras de Araújo - Integrante / José Carlos Silva de Almeida - Integrante / Rubens Garcia Nunes Sobrinho - Integrante / Dennys Garcia Xavier - Integrante / Marcos César Seneda - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Outra.
2013 - 2015
O pensamento de João Guimarães Rosa no Grande Sertão: Veredas. Cosmologia, Antropologia e Psicologia.
Descrição: O projeto se propõe a evidenciar as considerações de natureza filosófica presentes no Grande Sertão: Veredas do escritor mineiro João Guimarães Rosa, tendo em vista examinar de que modo emergem nesta obra temas e problemas clássicos da tradição filosófica antiga no âmbito da cosmologia, antropologia e psicologia. Além disso, pretendemos examinar de que modo se configuram em sua obra (1) uma singular concepção da escrita e da narrativa, dos símbolos lingüísticos, muito próxima à linguagem do hipertexto, e (2) um modo próprio de conceber o espaço e a mobilidade no entrelaçar de interioridade e da exterioridade no quadro da experiência humana..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Gustavo Laet Gomes - Integrante / Matheus Lopes de Oliveira - Integrante / José Henrique Vilela - Integrante / Claudia Graça da Fonseca - Integrante / Priscila Monteiro Borges - Integrante / Leiner Emanuella de Carvalho Hoki - Integrante / Ligea Clara Hoki de Carvalho - Integrante / Júlia Lacerda Soares Guimarães - Integrante.
2013 - Atual
Estratégias de recepção de temas e doutrinas filosóficas na Antiguidade: assimilações, refutações e omissões
Descrição: O problema da transmissão e da recepção na filosofia antiga ocupa um campo expressivo dos estudos da filosofia antiga. O nosso interesse no projeto que aqui apresentamos e de focalizar o tema no âmbito de algumas tradições para cujo estudo este domínio de investigação se revela de fundamental importância. Este é o caso, por exemplo, dos estudos dos temas e problemas da filosofia pré-socrática a partir dos autores que constituem as fontes através das quais seu pensamento chegou até nós, mas não apenas. Numa outra direção, ele implica, também, a investigação das assimilações e influências observadas no modo como uma dada tradição ou pensador processa e ?metaboliza?, ao interpretá-los e discuti-los, os temas, problemas e teses oriundos da tradição anterior. É o caso em alguns domínios da investigação filosófica no quadro do platonismo, do neoplatonismo e de toda a tradição peripatética. Variadas são as formas que os pensamentos dos pré-socráticos, de Platão, de Aristóteles, de Plotino e de Agostinho assumem quando dialogam com as diferentes expressões da cultura de seu tempo. Tal diálogo pode ser entrevisto em diferentes âmbitos de sua investigação, contemplando temas e problemas a partir dos quais é possível ao historiador da filosofia perfazer a genealogia das teses capitais de suas filosofias. Ao longo das últimas décadas, não foram poucos os estudos que tangenciaram a questão, evidenciando alguns dos aspectos deste processo de elaboração do pensamento do filósofo pela via do exame do seu ambiente cultural e das influências observáveis em sua obra no que concerne às principais questões e teses em discussão em seu tempo. O estudo do pensamento de Aristóteles e de Plotino em seu movimento de constituição é um bom exemplar desta dinâmica. O exame de suas obras permite retraçar em vívidas cores o perfil de pensadores que não se furtaram ao desafio e nem negligenciaram a potência inerente ao diálogo com as produções de seu tempo e com o legado de seus predecessores. Ao tomar como ponto de partida e principal ?combustível? de seu empreendimento especulativo as principais questões que constituíram o horizonte da investigação de toda uma geração de pensadores e foram matéria das composições de tantas gerações de poetas, estes pensadores puseram em cena o vigor de uma época e a radicalidade com a qual nela se deu a interrogatio e a ruminatio filosóficas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (8) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Fernando Rey Puente - Integrante / André LAKS - Integrante.
Número de produções C, T & A: 12 / Número de orientações: 8
2013 - Atual
Doxografias - Seminario Permanente em Estudos Pré-Socraticos
Descrição: O Seminário permanente de Estudos Pré-Socráticos, um dos projetos da Linha de Pesquisa em Filosofia Antiga e Medieval do Programa de Pós-Graduação em Filosofia e do grupo de pesquisa em Filosofia Antiga, ambos da UFMG, pretende ser um espaço de aprofundamento e discussão da vexata quaestio da transmissão e recepção das ideias pré-socráticas em sua posteridade, do mundo antigo até os nossos dias. O problema da transmissão e da recepção da filosofia pré-socrática têm sido objeto, nos últimos anos, de um renovado interesse. Estudiosos de vários países e formações, têm se debruçado sobre aquele que constitui um dos pontos nevrálgicos no estudo do pensamento anterior a Platão, a saber aquele das fontes. Não tendo gozado da fortuna de ter sua produção filosófica, investigações e reflexões, conservadas de primeira mão, a filosofia que se convencionou denominar Pré-Socrática é totalmente dependente dos autores em cujas obras é possível conhecer e reconhecer os seus traços e preocupações principais. O estudo da filosofia deste período se traduz assim num esforço em fazer dialogar, no interior mesmo das fontes, os autores das obras em que as idéias e teses présocráticas aparecem citadas, mencionadas, interpretadas e discutidas, e os autores dessas. As dificuldades não são poucos, na medida em que o ponto de partida para se tomar o que seria genuinamente o pensamento de um dado Pré-Socrático é, ao mesmo tempo, também aquele que o qual se quer confrontá-lo. Trata-se, então, de um terreno minado, mesmo sendo um campo instigante e fértil para a especulação filosófica. Além do mais, o esforço em trazer às claras os bastidores deste confronto nem sempre aberto e deliberado de ideias e teses constitui um belo laboratório para se perceber o vir-a-ser e o desenrolar da própria filosofia em seu movimento proprio através da história..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Celso de Oliveira Vieira - Integrante / Gustavo Laet Gomes - Integrante / Matheus Lopes de Oliveira - Integrante / José Henrique Vilela - Integrante / Eduardo Teodoro da Silva - Integrante / Jean Gabriel Faustini Tótola - Integrante.
Número de produções C, T & A: 17 / Número de orientações: 9
2012 - 2017
Tradução do livro IX das "Vidas e doutrinas dos Filósofos Ilustre"s de Diógenes Laércio
Descrição: O objetivo do projeto é a traducao do texto grego da obra de Diogenes Laércio, acompanhada de estudos introdutorios e notas para cada um dos livros que a constituem. A equipe do projeto que empreende a traducao é constituida de professores e pesquisadores de universidades portuguesas e brasileiras. O volume sera publicado, ao mesmo tempo, em versao impressa e digital (Classica Digitalia). O projeto inclui, tambémm a publicacao de um volume reunindo estudos em torno da obra de Diogenes Laercio..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Gabriele Cornelli - Integrante / Delfim Leao - Integrante.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 7
2010 - 2017
Título: Demócrito e(m) Platão: convergências e divergências em um diálogo silencioso.
Descrição: Desde a Antigüidade, o silêncio de Platão em torno de Demócrito suscitou estranhamento. Muito se especulou a este respeito na história da filosofia, e vários foram os artigos que se ocuparam em apresentar hipóteses (Ferwerda, R., "Democritus and Plato", Mnemosyne, 25, 1972, p. 337-378; Bollack, J. "Un silence de Platon", Revue de Philologie, de littérature et d'histoire anciennes, 41, 1967, p. 242-246; entre outros). O registro mais antigo atestando o interesse pela questão remonta a uma pássagem do livro IX de Diógenes Laércio, Vidas e doutrinas dos filósofos ilustres, onde se lê: "Aristoxeno, em suas Memórias históricas, diz que Platão teria desejado queimar os escritos de Demócrito, todos aqueles que pudesse reunir, mas que os pitagóricos Amiclas e Clinias o teriam dissuadido, dizendo que isso não serviria a nada, uma vez que seus livros já se encontravam nas mãos de muita gente. E esta hostilidade é manifesta: uma vez que Platão menciona quase todos os Antigos, em nenhuma parte faz alusão a Demócrito, nem mesmo naqueles aspectos em que poderia lhe ter feito uma réplica; de modo manifesto, ele sabia que teria que enfrentar o melhor dos filósofos (...)" (DL, IX, 40). Qualquer que seja o valor e ou autenticidade do que, segundo Diógenes Laércio, teria escrito Aristoxeno sobre o silêncio de Platão, o fato é que dentre os principais filósofos que lhe são anteriores, Demócrito é um dos poucos que não mereceram nenhuma atenção explícita da parte do fundador da Academia. Heráclito, Parmênides, Anaxágoras, Empédocles e vários dos Pitagóricos são mencionados e tem suas doutrinas examinadas e discutidas, acolhidas ou refutadas. Ao lado deste silêncio, no entanto, chama atenção a presença significativa de teses e noções próprias ao pensamento de Demócrito que encontram eco nos diálogos platônicos, a começar mesmo pelo termo grego escolhido por Platão para nomear as realidades eternas e imutáveis: idea. De acordo com vários testemunhos antigos, esse era o termo empregado pe.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Rafael Zaramela Lopes - Integrante.
Número de produções C, T & A: 11 / Número de orientações: 1
2007 - 2009
O Homem, um microcosmo: a natureza humana no diálogo das escolas platônica e aristotélica com os Pré-Socráticos.
Descrição: Em diferentes modulações, a pergunta pela natureza do homem se encontra presente nos diferentes períodos da Antigüidade grega, e não apenas nas especulações dos filósofos, mas também nas reflexões que emanam dos diferentes registros da literatura antiga. Assim, poesia épica, lírica e trágica caminham ombro a ombro com as diferentes tradições filosóficas que lhes eram contemporâneas quando se trata de apresentar as indagações fundamentais que configuram o universo das coisas humanas. Se tantas foram as vozes e ordens discursivas que se interrogaram sobre a natureza e o destino do homem, em que residiu, de fato, a novidade filosófica em meio a polifonia que caracterizara até, então, os discursos sobre o homem? Acostumamo-nos a olhar para o momento inaugural da filosofia pela lupa das tradições platônica e aristotélica, enxergando ali os lampejos de algo que não viria a se consolidar senão mais tarde de modo a satisfazer as exigências futuras de um saber ainda em constituição. A primeira geração de filósofos é, então, vista como a de crianças que tateiam no escuro, incertas em seus propósitos, distantes de um ?dever-ser? que longe ainda se encontrava de sua formulação posterior. Nesta perspectiva, aceitamos a denominação de physiologoi ou physikoi que Aristóteles legou à posteridade e tendemos a isolar, como fato diverso ou meramente acidental, toda sorte de especulação sobre a natureza humana que podemos encontrar nos testemunhos e fragmentos dos assim chamados Pré-Socráticos. Um exame do conjunto dos testemunhos e fragmentos que nos chegaram do que foram as diferentes tradições filosóficas, doutrinas, movimentos e escolas do final do período arcaico e início do clássico, nos permite encontrar um novo caminho para responder de modo diferente do que se convencionou fazer a estas questões. O que constituiu, a nosso ver, o alvo último da investigação cosmológica em sua decifração da ordem velada do mundo, na identificação de um princípio capaz de explicar seu engendram.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador.
2003 - 2004
O problema da relação corpo/alma na filosofia do século V a.C. e sua importância para a reflexão Etica Antiga. Um exame das fontes do periodo imperial.
Descrição: Um estudo das reflexões da filosofia pré-socrática sobre o problema da relação corpo-alma, a partir dos testemunhos legados à posteridade pelos autores gregos e latinos da época imperial (séculos I-III d.C.)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2014 - 2016
Jornadas Filosoficas da UFMG
Descrição: Evento anual voltado para os alunos do ensino médio, organizado pelo laboratório de ensino de filosofia da UFMG, com o objetivo de proporcionar as discussões de temas comtemporâneos à luz da tradição filosófica.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Felipe Gustavo Pinheiro - Integrante / Helton Lucas Romualdo - Integrante / Adilson Luiz Quevedo - Integrante / Alexandre Alvez Pacheco de Lima - Integrante / Arlene Domingues de Oliveira Florencio - Integrante / Bruno Victor Parreiras Soares Melo - Integrante / Eduardo Bittencourt Pinto Coelho - Integrante / Joao Marcos Motta de Gusmao Lambert - Integrante / Luiz Paulo de Souza - Integrante / Moisés Prado - Integrante / Thiago Cardoso Burgarelli Castanheira - Integrante / Daniel Francisco da Silva - Integrante / Giuseppe Ferraro - Integrante / Wagner da Silva Nascimento - Integrante.
2014 - 2016
Laboratório convida: Ensinar Filosofia
Descrição: O projeto tem por objetivo assegurar aos alunos um espaço de discussão e reflexão sobre as práticas e experiências no ensino de Filosofia em seus diferentes níveis. Em cada encontro é convidado um professor de filosofia para compartilhar sua experiência de docência e dialogar com os alunos sobre o tema..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Virginia Figueiredo - Integrante.
2014 - 2014
Lendo os Filósofos: Introduzindo os alunos do ensino médio na leitura de textos clássicos da Filosofia
Descrição: Em seu essencial, o presente projeto propõe como atividade a formação de grupos de leitura de textos filosóficos, a serem oferecidos como atividade extracurricular, e portanto livre, para aqueles alunos que, tendo demonstrado algum interesse ou maior curiosidade pelo pensamento dos filósofos, queiram experimentar a leitura de textos filosóficos, partindo daquelas mais acessíveis entre as fontes primárias da Filosofia, sob orientação de um aluno do curso de Filosofia..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Helton Lucas Romualdo - Integrante / Adilson Luiz Quevedo - Integrante / Alexandre Alvez Pacheco de Lima - Integrante / Arlene Domingues de Oliveira Florencio - Integrante / Bruno Victor Parreiras Soares Melo - Integrante / Eduardo Bittencourt Pinto Coelho - Integrante / Joao Marcos Motta de Gusmao Lambert - Integrante / Luiz Paulo de Souza - Integrante / Moisés Prado - Integrante / Thiago Cardoso Burgarelli Castanheira - Integrante / Daniel Francisco da Silva - Integrante / Wagner da Silva Nascimento - Integrante.


Outros Projetos


2017 - Atual
SOS Filosofia: oficinas de metodologia filosófica
Descrição: O projeto é ligado ao Programa de Monitoria de Graduação do Departamento de Filosofia e tem por objetivo a realização de oficinas voltadas para os alunos do curso de graduação em Filosofia com o intuito de contribuir para a aquisição e o desenvolvimento de habilidades e competências próprias à metodologia inerente ao estudo e à pesquisa filosóficos..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador.
2014 - 2016
Laboratório convida: Ensinar Filosofia
Descrição: O projeto tem por objetivo assegurar aos alunos um espaço de discussão e reflexão sobre as práticas e experiências no ensino de Filosofia em seus diferentes níveis. Em cada encontro é convidado um professor de filosofia para compartilhar sua experiência de docência e dialogar com os alunos sobre o tema..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) .
Integrantes: Miriam Campolina Diniz Peixoto - Coordenador / Virginia Figueiredo - Integrante.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: Anales del Seminario de Historia de la Filosofía
2012 - Atual
Periódico: Peitho. Examina Antiqua.
2011 - Atual
Periódico: Perspectiva Filosofica (UFPE)
2010 - Atual
Periódico: Revista Archai: Revista de Estudos sobre as Origens do Pensamento Ocidental
2008 - Atual
Periódico: Revista Exagium, revista eletrônica de filosofia
2007 - Atual
Periódico: Nuntius Antiquus - Revista do NEAM (FALE/ FAFICH UFMG)
2002 - Atual
Periódico: Síntese Nova Fase


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia/Especialidade: Filosofia Antiga.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Epistemologia/Especialidade: Teoria do Conhecimento.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Italiano
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Grego
Compreende BemLê Bem.


Prêmios e títulos


2003
Aprovada em 2° lugar em concurso de Professor Adjunto, Departamento de Filosofia da UFMG.
1994
Aprovação em 1° lugar em concurso publico para lecionar a disciplina Filosofia, Colégio Técnico da UFMG.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

SciELO
Total de trabalhos:1
Total de citações:1
PEIXOTO, MIRIAM CAMPOLINA DINIZ  Data: 01/12/2010

SCOPUS
Total de trabalhos:1
Total de citações:1
Peixoto, M. C D  Data: 01/12/2010

Artigos completos publicados em periódicos

1.
PEIXOTO, MIRIAM C. D.2018PEIXOTO, MIRIAM C. D.. A poiesis do caminho filosófico de Marcelo Marques. CLASSICA (SAO PAULO), v. 31, p. 159-166, 2018.

2.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2017PEIXOTO, M. C. D.. Demócrito de Abdera e Platão: tão longe, tão perto. Revista Enunciação, v. 2, p. 1-26, 2017.

3.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2017PEIXOTO, M. C. D.. Life, Birth and Death in Democritus. Atomistic Reflections Between Physics and Ethics. Peitho Examina Antiqua, v. 1(8), p. 141-153, 2017.

4.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2012PEIXOTO, M. C. D.. Resenha critica de W.Leszl, I primi atomisti. Raccolta dei testi che riguardano Leucippo e Democrito.. GNOMON. Kritische Zeitschrift für die gesamte Klassische Altertumswissenschaft, v. 84, p. 297-300, 2012.

5.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2012PEIXOTO, M. C. D.. L?activité de l?âme démocritéenne : de la sensation et de l?intellection. Chôra. Revue détudes anciennes et médiévales, v. 9-10, p. 217-242-242, 2012.

6.
VIEIRA, C.2012VIEIRA, C. ; PEIXOTO, M. C. D. . Helena: um estudo de caso acerca da propriedade e apropriação no uso dos nomes próprios na Grécia Antiga. Contexto (UFES), v. 21, p. 11-38, 2012.

7.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2011PEIXOTO, M. C. D.. Recensao do livro "Os Presocraticos" de Giovanni Casertano. Revista Archai: Revista de Estudos sobre as Origens do Pensamento Ocidental, v. 7, p. 145-149, 2011.

8.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2010PEIXOTO, M. C. D.. A AFECÇÃO DO DESEJO NOS FILÓSOFOS PRÉ-SOCRÁTICOS: PITAGÓRICOS E DEMÓCRITO. Anais de Filosofia Clássica (Online), v. 3, n°5, p. 40-54, 2010.

9.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2010 PEIXOTO, M. C. D.. Rhusmos e movimento dos atomos na fisica de Democrito. Kriterion (UFMG. Impresso), v. 51/122, p. 413-428, 2010.

10.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2008PEIXOTO, M. C. D.. Cícero, Plutarco e Galeno: Sobre a possibilidade de uma therapeia das paixões.. Hypnos (PUCSP), v. 21, p. 1-16, 2008.

11.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2007PEIXOTO, M. C. D.. A natureza humana entre a necessidade e a liberdade. Filosofia Unisinos (Impresso), v. 8, p. 33-40, 2007.

12.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2007PEIXOTO, M. C. D.. A Felicidade como simetria da alma em Demócrito. Boletim do CPA (UNICAMP), v. 20/21, p. 117-131, 2007.

13.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2005PEIXOTO, M. C. D.. Studi sul pensiero e sulla lingua di Empedocle. Síntese (Belo Horizonte), Belo Horizonte, v. 32, n.102, p. 131-134, 2005.

14.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2005PEIXOTO, M. C. D.. Reflexões sobre a origem do mal na antigüidade grega. Revista Brasileira de Estudos Políticos, Belo Horizonte, MG, v. 91, p. 77-107, 2005.

15.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2004PEIXOTO, M. C. D.. Demócrito e a Retórica: elogio ou censura?. Filosofia Unisinos, São Leopoldo, v. 5, n.8, p. 105-121, 2004.

16.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2003PEIXOTO, M. C. D.. Oralidade e Escritura em Platão. Síntese (Belo Horizonte), p. 264-266, 2003.

17.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2003PEIXOTO, M. C. D.. Pythagoras and the Pythagoreans. Síntese (Belo Horizonte), Belo Horizonte, v. 30, n.98, 2003.

18.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2002PEIXOTO, M. C. D.. A Emergência da Reflexão sobre a Responsabilidade Moral na Grécia Antiga: Homero e Democrito. Sintese (Belo Horizonte. 1974), Belo Horizonte - MG, v. 29, n.95, p. 301-322, 2002.

19.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2002PEIXOTO, M. C. D.. Platon: l'amour du savoir.. Síntese (Belo Horizonte), 2002.

20.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.2002PEIXOTO, M. C. D.. Introdução aos Diálogos de Platão. Sintese (Belo Horizonte. 1974), Belo Horizonte (MG), 2002.

21.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.1996PEIXOTO, M. C. D.. O Mundo Dionisiaco e a 'techné 'filosofica. Sintese (Belo Horizonte. 1974), Belo Horizonte, v. 23, n.72, p. 209-228, 1996.

22.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.1995PEIXOTO, M. C. D.. A Filosofia no Nascimento e Crise da Cidade Grega. Revista da Fundação Educacional Monsenhor Messias, Sete Lagoas (MG), v. 3, 1995.

23.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.1994PEIXOTO, M. C. D.. Reabilitando os Sofistas. Revista da Fundação Educacional Monsenhor Messias, Sete Lagoas (MG), v. 1, p. 39-53, 1994.

24.
PEIXOTO, M. C. D.;PEIXOTO, MIRIAM C. D.1994PEIXOTO, M. C. D.. Pourquoi la Grèce? Resenha do livro de J. de Romilly (1992). Síntese (Belo Horizonte), Belo Horizonte (MG), v. 21, n.66, p. 417-420, 1994.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
LEAO, D. (Org.) ; CORNELLI, G. (Org.) ; PEIXOTO, M. C. D. (Org.) . Dos homens e suas ideias: estudos sobre as Vidas de Diógenes Laércio. 1a. ed. Coimbra: Imprensa Universitária de Coimbra, 2014. v. 1. 290p .

2.
LEAO, D. (Org.) ; CORNELLI, G. (Org.) ; PEIXOTO, M. C. D. (Org.) . Dos homens e suas ideias: estudos sobre as Vidas de Diógenes Laércio. 1a. ed. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2013. v. 1. 277p .

3.
MARQUES, M. P. ; PEIXOTO, M. C. D. ; PUENTE, F. R. . O visivel e o inteligivel. Estudos sobre a percepçao e o pensamento na filosofia grega antiga. 1. ed. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012. v. 1. 151p .

4.
PEIXOTO, M. C. D.. A saúde dos Antigos. Reflexões gregas e romanas.. 1. ed. São Paulo: Edições Loyola, 2009. v. 1. 232p .

5.
PEIXOTO, M. C. D.; Paranhos, W. da S. (Org.) . Filosofia e Politica. 1. ed. São Paulo: Loyola, 2004. v. 1. 105p .

6.
PEIXOTO, M. C. D.; ANDRADE, M. V. (Org.) ; COSCARELLI, T. (Org.) . Caderno de Textos Nº 1: Amor e Criatividade.. 1. ed. Belo Horizonte: Núcleo de Filosofia Sônia Viegas, 1994. v. 1. 71p .

Capítulos de livros publicados
1.
PEIXOTO, M. C. D.. On the limits of laws and the sovereignty of the wise Conjectures on the evaluation of the primacy of laws in Plato?s Statesman. In: BOSSI, Beatriz; ROBINSON, Thomas M.. (Org.). Plato's 'Statesman' Revisited. 1ed.Berlin: De Gruyter, 2018, v. 1, p. 249-262.

2.
PEIXOTO, M. C. D.. O Sertão para além do Sertão: antropologia do homem itinerante: uma leitura do 'Grande Sertão: Veredas' de João Guimarães Rosa.. In: Cornelli, G.; Fialho, M. do C.; Leão, D.javascript:void(0). (Org.). Cosmópolis: mobilidades culturais às origens do pensamento antigo. 1ed.Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2016, v. 1, p. 223-241.

3.
PEIXOTO, M. C. D.. Le contrepoint de la mélancolie: Démocrite entre Hippocrate et Robert Burton. In: Cazes, H.; Morand, A.-F.. (Org.). Miroirs de la mélancolie. 1ed.Paris: Hermann, 2015, v. 1, p. 255-274.

4.
PEIXOTO, M. C. D.. Filósofos entre a vida e a morte: Diógenes Laércio e os Pré-Socráticos. In: LEAO, D.; CORNELLI, G.; PEIXOTO, M. C. D.. (Org.). Dos homens e suas ideias: estudos sobre as. 1aed.Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra, 2013, v. 1, p. 67-88.

5.
PEIXOTO, M. C. D.. Corpo, anima, visibile e invisibile nel 'Simposio' platonico. In: Araujo Jr., A. B.; Cornelli, G.. (Org.). Il Simposio di Platone: un banchetto di interpretazioni. 1ed.Napoles: Loffredo Editore University Press, 2012, v. 1, p. 159-180.

6.
PEIXOTO, M. C. D.. Prazer e contentamento em Democrito. In: Da Costa, A. A.; Haddad, A. B.; Azar Filho, C. M.. (Org.). Filosofia e Prazer: Diálogos com a tradição hedonista.. 1ed.Seropédica, Rio de Janeiro: Editora da UFRRJ, 2012, v. 1, p. 9-29.

7.
PEIXOTO, M. C. D.. La psicagogia del Fedro.. In: CASERTANO, Giovanni. (Org.). Il Fedro de Platone: struttura e problematiche.. 1ed.Napoli: Loffredo, 2011, v. 1, p. 173-206.

8.
PEIXOTO, M. C. D.. Consideraçoes sobre o visivel e o invisivel no pensamento de Democrito. In: PALUMBO, Lidia. (Org.). Logon didonai. La filosofia come esercizio del render ragione. Studi in onore di Giovanni Casertano. 1ed.Napoles: Loffredo, 2011, v. 1, p. 281-304.

9.
PEIXOTO, M. C. D.. La città, il saggio e gli altri uomini. Democrito pensatore della polis.. In: Gabriele Cornelli; Giovanni Casertano. (Org.). Pensare la città antica: categorie e rappresentazioni. Nápoles: Loffredo, 2010, v. 1, p. 175-190.

10.
PEIXOTO, M. C. D.. Physis et didachê chez Démocrite.. In: Stefania Giombini; Flavia Marcacci. (Org.). Il V Secolo. Studi di filosofia antica in onore di Livio Rossetti.. 1ed.Perugia: Aguaplano, 2010, v. 1, p. 83-100.

11.
PEIXOTO, M. C. D.. Kairos e metron: a saude da alma na therapeia do corpo.. In: Miriam Campolina Diniz Peixoto. (Org.). A saúde dos antigos. Reflexões gregas e romanas.. 1ed.São Paulo: Loyola, 2009, v. 1, p. 55-66.

12.
PEIXOTO, M. C. D.. O Filósofo e o Político: atos e entre-atos de uma contribuição. In: Peixoto, M.C.D.; Paranhos, W. da S.. (Org.). Filosofia e Politica. 1ed.São Paulo: Loyola, 2004, v. 1, p. 17-38.

13.
PEIXOTO, M. C. D.. L'euthymia ou la bonne krasis du thymos chez Démocrite. In: Institut Romand d'Histoire de la Medecine. (Org.). Mélanges, crase et tempéraments. Lausanne-Genève: Bibliothèque d'histoire de la médecine et de la santé, 2004, v. Único, p. -.

14.
PEIXOTO, M. C. D.. L'innocence du corps, l'ambiguïté de l'âme: le rapport corps/âme chez Démocrite. In: Pierre-Marie Morel; Jean-François Pradeau. (Org.). Les Anciens Savants. Etudes sur les philosophies préplatoniciennes. 1aed.Strasbourg (França): Les Cahiers Philosophiques de Strasbourg / Université Marc Bloch, 2001, v. 12, p. 191-209.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
PEIXOTO, M. C. D.. A Destruição do mito da palavra. Folha de São Paulo, Folha de São Paulo - Mais!, p. 5 - 12, 14 jan. 1996.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
PEIXOTO, M. C. D.. A dietética como expressão da atividade da alma no cuidado do corpo.. In: I Simpósio Internacional de Estudos Antigos-IV Seminário Internacional Archai: Saúde do homem e da cidade na Antigüidade Greco-Romana, 2007, Parque Natural do Caraça. Anais do I Simpósio Internacional de Estudos Antigos-IV Seminário Internacional Archai: Saúde do homem e da cidade na Antigüidade Greco-Romana (CD-Rom). Belo Horizonte: FAFICH/UFMG, 2007. v. 1.

2.
PEIXOTO, M. C. D.. A felicidade como simetria da alma em Demócrito. In: VIII Colóquio Internacional do CPA: Prazer, Felicidade e Justa Medida no Mundo Antigo, 2005, Campinas. VIII Colóquio Internacional do CPA: Prazer, Felicidade e Justa Medida no Mundo Antigo, 2005. v. Único.

3.
PEIXOTO, M. C. D.. L'innocence du corps, l'ambigüité de l'âme : Le rapport corps/âme chez Démocrite. In: Colloque International "Les anciens savants", 2000, Strasbourg. Les Anciens Savants.. Strasbourg: Les Cahiers Philosophiques de Strasbourg, 2000. v. Unico. p. 191-209.

4.
PEIXOTO, M. C. D.. A Concepção Nietzscheana de Genealogia. In: V° Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia-ANPOF, 1994, Diamantina. Anais do V Encontro Nacional de Filosofia, 1992. v. 1.

5.
PEIXOTO, M. C. D.. A Produção do Pensamento na Encruzilhada Corpo / Espirito. In: Semana Comemorativa dos 400 anos da morte de Michel de Montaigne, 1992, Belo Horizonte. Revista Kriterion. Belo Horizonte: Editora da Universidade Federal de Minas Gerais, 1992. v. XXXIII. p. 103-109.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Liberdade ou determinismo? Consideraçoes sobre a física e a ética atomistas. In: VIII Simpósio de Filosofia da UEM - Caminhos que se birfurcam: liberdade e determinismo, 2013, Maringá. Caderno de resumos do VIII simpósio de Filosofia da UEM. Maringá: Programa de Pós-Graduaçao em Filosofia /UEM, 2013. v. 1. p. 24-26.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PEIXOTO, M. C. D.. A justiça em verso e em prosa: Hesíodo, precursor dos Pré-Socráticos. In: II Simpósio Internacional Filosofia e Literatura, 2017, Belém. Caderno de Resumos do II Simpósio Internacional de Filosofia e Literatura, 2017. v. 1. p. 13-13.

2.
PEIXOTO, M. C. D.. A leitura de Aristóteles da doutrina democritiana da alma. In: V Congresso Associação Latino-Americana de Filosofia Antiga, 2017, Rio de Janeiro. V Congresso ALFA - Caderno de Resumos. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2017. v. 1. p. 57-57.

3.
PEIXOTO, M. C. D.. Considerações sobre o poder e o uso da palavra em Demócrito de Abdera. In: IV Simpósio Internacional Ousia: Filosofia e Retórica. Performances da palavra., 2013, Rio de Janeiro. Caderno de Resumos do VIII Simposio Internacional Ousia. Rio de Janeiro: Laboratório Ousia / Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2013. v. 1. p. 11-11.

4.
PEIXOTO, M. C. D.. Corpo, alma, visivel e invisivel no "Symposium" platonico. In: XI Simposio Internacional da Sociedade Brasileira de Platonistas - VII SEminario Internacional ARCHAI, 2011, Recife. Caderno de Resumos (Seminário Internacional Archai). Recife / Brasilia: Universidade Federal de Pernambuco / Universidade de Brasilia, 2011. v. 1. p. 60-61.

5.
PEIXOTO, M. C. D.. Democrito em Platao: uma presença obliqua.. In: III Seminario de Filosofia Antiga: Os Pré-Socraticos e suas influências., 2009, Rio de Janeiro. Caderno de Resumos. Rio de Janeiro: NOESIS - UERJ, 2009. v. 1.

6.
PEIXOTO, M. C. D.. A cidade, o sábio e os outros homens.. In: V SEMINÁRIO INTERNACIONAL ARCHAI: A CIDADE ANTIGA: CATEGORIAS CONCEITUAIS E REPRESENTAÇÕES SOCIAIS, 2008, Brasília. Caderno de Resumos (Seminário Internacional Archai). Brasília: Grupo Archai, 2008. v. 1. p. 49-49.

7.
PEIXOTO, M. C. D.. Sur le percevoir et le concevoir: le témoignage DK 68 A 105 de Démocrite.. In: Conference of the International Association for Presocratic Studies: Science and Philosophy Ionien, 2008, Provo, Utah (EUA). IAPS Conference - Abstracts. Provo: Brigham Young University, 2008.

8.
PEIXOTO, M. C. D.. A afecçao do desejo nos filosofos Pré-Socraticos.. In: II SIMPÓSIO INTERNACIONAL OUSIA DE ESTUDOS CLÁSSICOS:, 2008, Rio de Janeiro. Livro de resumos do II Simpósio OUSIA de Estudos Clássicos. Rio de Janeiro: OUSIA/PROERA -Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2008. v. 1. p. 13-14.

9.
PEIXOTO, M. C. D.. Os sentidos da visão na filosofia Pré-Socrática. In: VII Semana de Filosofia: O sentido da visão na Filosofia, 2007, Ilhéus. Caderno de Resumos da VII Semana de Filosofia: O sentido da visão na Filosofia, 2007. v. 1. p. 38-38.

10.
PEIXOTO, M. C. D.. Afecções da alma e do corpo no debate entre filosofia e medicina no século V a.C.. In: XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF, 2006, Salvador. Atas do XII Encontro Nacional de Filosofia, Salvador, 2006. Salvador, BA: Associação Nacional de Pós-Graduação em Filosofia, 2006. v. 1. p. 416-417.

11.
PEIXOTO, M. C. D.. Euthymia: a festa sub mensura. In: VI Congresso da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos - SBEC, 2005, Rio de Janeiro. Caderno de Programação e Resumos. Rio de Janeiro: MAUAD Editora, 2005. v. Único. p. 41-41.

12.
PEIXOTO, M. C. D.. A natureza humana entre a necessidade e a liberdade. In: VII Congresso Sul Americano de Filosofia: Natureza e Liberdade, 2005, Curitiba. Caderno de Resumos do VII Congresso Sul Americano de Filosofia: Natureza e Liberdade. Curitiba: Editora Universitária Champagnat, 2005. v. Único. p. 88-88.

13.
PEIXOTO, M. C. D.. L'euthymia ou la bonne krasis du thymos chez Démocrite. In: Colloque, 2004, Lausanne e Genève. Colloque international Universités de Lausanne et Genève, 6-8 mai 2004. Lausanne: Institut universitaire romand d'histoire de la médecine et de la santé, 2004. v. Unico. p. 8-8.

14.
PEIXOTO, M. C. D.. Saúde do corpo, saúde da alma. Convergências e divergências entre os discursos médico e filosófico no século V a.C.. O caso Hipócrates/Demócrito.. In: Congresso da ANPOF 2004, 2004, Salvador. Anais do Congresso da ANPOF 2004, 2004. v. Único.

15.
PEIXOTO, M. C. D.. Considerações acerca do diálogo filosofia e medicina no século V a.C.. In: II Seminário Internacional Archai. Diálogos Antigos: Encontro de saberes nas origens do pensamento Ocidental, 2004, São Bernardo do campo, SP. Caderno de Resumos, 2004. p. 16-16.

16.
PEIXOTO, M. C. D.. Plutarco, leitor de Democrito. A. In: X Encontro Nacional de Filosofia (ANPOF), 2002, São Paulo. Atas do X Encontro Nacional de Filosofia. Campinas, SP: Associação Nacional de Pos-Graduação em Filosofia, 2002. v. 1. p. 110-111.

17.
PEIXOTO, M. C. D.. Démocrite et la Rhétorique: éloge ou blâme?. In: XIII Biennial Conference of the International Society for the History of Rhetoric, 2001, Varsovia. Acts of the XIII Biennial Conference of the International Society for the History of Rhetoric, 2001. v. Unico.

18.
PEIXOTO, M. C. D.. A reflexão ética de Democrito : breve historia de uma transmissão. In: IV Congresso Nacional de Estudos Classicos / XII Reunião da SBEC, 2001, Ouro Preto (MG). Programa e Resumos do IV Congresso Nacional de Estudos Classicos, 2001. v. Unico. p. 50-50.

Apresentações de Trabalho
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Reflections on time on the horizon of human experience. A reading of the 'Anonymous of Iamblichus'. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
PEIXOTO, M. C. D.. Justiça em verso e em prosa: o problema da visibilidade na determinação das ações justas e injustas em Hesíodo e nos Pré-Socráticos. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
PEIXOTO, M. C. D.. Imagens do tempo na filosofia Pré-Socrática.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
PEIXOTO, M. C. D.. A leitura de Aristóteles da doutrina democritiana da alma.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
PEIXOTO, M. C. D.. Hesíodo e os Pré-Socráticos: considerações sobre a justiça nos limites da visibilidade.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
PEIXOTO, M. C. D.. Imagens do tempo na filosofia pré-socrática.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

7.
PEIXOTO, M. C. D.. On the limits of law and the sovereignty of the wise Conjectures on the judgment about the primacy of law in Plato?s Statesman. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
PEIXOTO, M. C. D.. Democritus on the death (and birth). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
PEIXOTO, M. C. D.. Átomos e vazio: entre as palavras e as coisas. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
PEIXOTO, M. C. D.. O visivel e o invisivel no Atomismo Antigo. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
PEIXOTO, M. C. D.. Considerações fisico-antropológicas acerca da morte em Demócrito. Estado da questão.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
PEIXOTO, M. C. D.. Life, Birth and Death in the physiology of Democritus. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
PEIXOTO, M. C. D.. How to name the invisible principles? The challenge for naming what the eyes do not see. Democritus and Atomists. Democritus and Atomists.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
PEIXOTO, M. C. D.. O Sertão para além do Sertão: cosmologia e antropologia nas veredas trágicas do 'Grande Sertão' de Guimarães Rosa. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

15.
PEIXOTO, M. C. D.. Demócrito y Epicuro: de la física de los átomos y del vacío a la antropologia.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
PEIXOTO, M. C. D.. Aspectos temporais da eupraxia. Considerações acerca do cálculo temporal mo âmbito da reflexão ética dos Pré-Socráticos. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
PEIXOTO, M. C. D.. Liberdade ou determinismo? Consideraçoes sobre a física e a ética atomistas. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

18.
PEIXOTO, M. C. D.. As representações do porvir na filosofia pré-socrática e suas reverberações éticas. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
PEIXOTO, M. C. D.. Considerações sobre o poder e o uso da palavra em Demócrito de Abdera. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

20.
PEIXOTO, M. C. D.. The visible and the invisible in Democritean Atomism. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
PEIXOTO, M. C. D.. Nietzsche e os Pré-Socraticos.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
PEIXOTO, M. C. D.. A experiencia da "escuta" na filosofia.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
PEIXOTO, M. C. D.. Filosofos entre a Vida e a Morte. Uma leitura do livro IX das Vidas e Opinioes dos Filosofos Ilustres de Diogenes Laercio.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

24.
PEIXOTO, M. C. D..  Demócrito de Abdera, um ὑποκριτής sob a σκηνή platônica.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

25.
PEIXOTO, M. C. D.. A psicagogia do 'Fedro'. Platão psicagogos.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

26.
PEIXOTO, M. C. D.. As metamorfoses da 'parrhesia' na antiguidade grega. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
PEIXOTO, M. C. D.. Corpo, alma, visivel e invisivel no "Simposio" de Platao. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

28.
PEIXOTO, M. C. D.. ?O homem, um microcosmo.? A homologia homem-mundo nas cosmologias Pré-Socráticas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
PEIXOTO, M. C. D.. Demócrito e Platão: um dialogo sobre a justiça. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

30.
PEIXOTO, M. C. D.. Filósofos entre a vida e a morte: Diogenes Laercio e os Pré-Socraticos.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

31.
PEIXOTO, M. C. D.. L'antropologia democritea tra necessità e libertà.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
PEIXOTO, M. C. D.. L'homme démocritéen. Esquisse d'une anthropologie.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

33.
PEIXOTO, M. C. D.. Democrito em Platao: uma presença obliqua.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

34.
PEIXOTO, M. C. D.. Rhusmos e movimento dos átomos na física de Demócrito.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

35.
PEIXOTO, M. C. D.. Ver y escuchar: la reflexion sobre los sentidos en Heraclito e Parmênides. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

36.
PEIXOTO, M. C. D.. La natura dell'uomo in Democrito.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

37.
PEIXOTO, M. C. D.. Democrito e Platao: o papel da alma no cuidado do corpo.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

38.
PEIXOTO, M. C. D.. Modos e atributos do prazer na filosofia Pré-Socrática.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

39.
PEIXOTO, M. C. D.. Sur le concevoir et le percevoir: à propos tu témoignage 68 A 105 DK de Démocrite.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

40.
PEIXOTO, M. C. D.. Prazer e Felicidade em Demócrito de Abdera.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

41.
PEIXOTO, M. C. D.. A Cidade, o sábio e os outros homens. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

42.
PEIXOTO, M. C. D.. A afecçao do desejo nos filosofos Pré-Socraticos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

43.
PEIXOTO, M. C. D.. A dietética como expressão da atividade da alma no cuidado do corpo. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

44.
PEIXOTO, M. C. D.. Cícero, Plutarco e Galeno : Sobre a possibilidade de uma therapeia das paixões.. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

45.
PEIXOTO, M. C. D.. Imagens das afecções da alma na arte, literatura e filosofia gregas.. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

46.
PEIXOTO, M. C. D.. Le contrepoint de la mélancolie. Démocrite entre Hippocrate et Robert Burton.. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

47.
PEIXOTO, M. C. D.. Os diferentes sentidos da visão na filosofia Pré-Socrática. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

48.
PEIXOTO, M. C. D.. A ocasião e a medida. Considerações acerca da embriaguez na Grécia Antiga. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

49.
PEIXOTO, M. C. D.. O problema das paixões em Cícero e Plutarco. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

50.
PEIXOTO, M. C. D.. O atomismo grego de Leucipo e Demócrito: Da Física dos atomos à Ética da Medida. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

51.
PEIXOTO, M. C. D.. A Felicidade como simetria da alma em Demócrito. 2005. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

52.
PEIXOTO, M. C. D.. A natureza humana entre a necessidade e a liberdade. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

53.
PEIXOTO, M. C. D.. Euthymia: a festa sub mensura. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

54.
PEIXOTO, M. C. D.. Demócrito e o tratado hipocrático "Da Medicina Antiga". 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

55.
PEIXOTO, M. C. D.. A Morte não é o contrário da Vida. Reflexões sobre a morte nos filósofos pluralistas gregos.. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

56.
PEIXOTO, M. C. D.. Como comemos, somos. Reflexões sobre a alimentação na Antigüidade Grega.. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

57.
PEIXOTO, M. C. D.. L'euthymia comme la bonne krasis du thymos chez Démocrite. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

58.
PEIXOTO, M. C. D.. Considerações acerca do diálogo filosofia e medicina no século V a.C.. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

59.
PEIXOTO, M. C. D.. Saúde do corpo, saúde da alma. Divergências e convergências no debate entre filosofia e medicina no século V a.C.: Demócrito e Hipócrates.. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

60.
PEIXOTO, M. C. D.. Os Filósofos e as Viagens na Antiguidade. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Prefácio. São Paulo, 2018. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

2.
PEIXOTO, M. C. D.. Verbete 'Grego' do Vocabulario europeu das filosofias (Dicionario dos intraduziveis). Rio de Janeiro: Autêntica, 2018. (Tradução/Artigo).

3.
PEIXOTO, M. C. D.; NOEL, M. . Peitho e pathos em Górgias. (Capítulo de livro). Belo Horizonte: Relicário, 2018. (Tradução/Outra).

4.
PEIXOTO, M. C. D.. Apresentaçao. Sao Paulo, 2014. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

5.
PEIXOTO, M. C. D.; LAKS, A. . Introduçao à 'Filosofia pré-socratica'. Sao Paulo: Paulus, 2013. (Tradução/Livro).

6.
PEIXOTO, M. C. D.. Sobre a semantica das imagens nos dialogos platonicos [Capitulo de livro] In: Marques, M. (ed.) Teorias da Imagem na Antiguidade.. Sao Paulo: Paulus, 2012. (Tradução/Artigo).

7.
PEIXOTO, M. C. D.. Imagem do indivíduo, retrato da pessoa (o corpo e o visível no séc. IV). [Capitulo de livro] In: Marques, M. (ed.) Teorias da Imagem na Antiguidade.. Sao Paulo: PAULUS, 2012. (Tradução/Artigo).

8.
PEIXOTO, M. C. D.. As paixões antigas e medievais. São Paulo: Loyola, 2008. (Tradução/Livro).

9.
PEIXOTO, M. C. D.; FABRINI, K.L. . A cidade, o verdadeiro e o falso em Parmênides. Belo Horizonte: Kriterion: Revista de Filosofia, 2008. (Tradução/Artigo).

10.
PEIXOTO, M. C. D.. O Homem na Era da Televisão. São Paulo: Loyola, 2005. (Tradução/Livro).

11.
PEIXOTO, M. C. D.. De la summetria du monde à la summetria de l'âme. Le rôle de la notion de mesure dans l'éthique de Démocrite 2000 (Tese).

12.
PEIXOTO, M. C. D.. O Filósofo-Artista: Mundo e Filosofia na obra de Friedrich Nietzsche 1995 (Dissertação de Mestrado).


Produção técnica
Processos ou técnicas
1.
PEIXOTO, M. C. D.. SOS Filosofia - Oficinas de Metodologia Filosófica. 2016.

Trabalhos técnicos
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Parecerista ad hoc da Revista Classica. 2014.

2.
PANCERA, C. G. K. ; PEIXOTO, M. C. D. . Pronoturno Filosofia. 2012.

3.
PEIXOTO, M. C. D.. Parecerista ad hoc da Revista Kriterion. 2011.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
PEIXOTO, M. C. D.; FELICORI, C. ; MEDRADO, A. . Programa Logofonia : Filosofia e Alimentação. 2007. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
PEIXOTO, M. C. D.; FELICORI, C. . Programa Logofonia: A filosofia antes de Platão. 2006. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
PEIXOTO, M. C. D.. O Filosofo e o politico no mundo antigo. 2002. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
PEIXOTO, M. C. D.; GRAHAM, D. W. ; MCKIRAHAM, R. . International Association for Presocratic Studies - IAPS. 2018; Tema: Site da International Association for Presocratic Studies. (Site).

2.
PEIXOTO, M. C. D.. Filosofia Antiga UFMG. 2012; Tema: Informaçoes e divulgaçao do Grupo de Pesquisa em Filosofia Antiga da UFMG. (Blog).

3.
PUENTE, F. R. ; MARQUES, M. P. ; COELHO, M. C. M. N. ; PEIXOTO, M. C. D. . Filosofia Antiga UFMG. 2011; Tema: Pagina do Grupo Filosofia Antiga da UFMG. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Introdução à Filosofia Pré-Socrática. 2018. .

2.
PEIXOTO, M. C. D.. Propedeutica a leitura de textos da Filosofia Antiga. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R. ; BRANDAO, J. J. L. ; ARAUJO, C. M. B. ; BRANDAO, B. G. S. L. ; REIS, M. D. ; BOSSI, B. . Dossiê Marcelo Marques: pensador, professor, amigo. 2018. (Editoração/Periódico).

4.
FALLAS, L. A. ; PEIXOTO, M. C. D. ; ALVAREZ, O. ; HELMER, E. . Linha Editorial 'Filosofia antiga e medieval'.. 2018. (Membro de Conselho Editorial).

5.
PEIXOTO, M. C. D.. A Ética de Demócrito. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
PEIXOTO, M. C. D.. Dossiê: Heráclito e(m) Platão. 2015. (Editoração/Periódico).

7.
LEAO, D. ; CORNELLI, G. ; PEIXOTO, M. C. D. . Dos Homens e suas Ideias: Estudo sobre as Vidas de Diógenes Laércio. 2014. (Editoração/Livro).

8.
PEIXOTO, M. C. D.. Razao, desejo e deliberaçao na 'Ética Nicomaquéia' de Aristóteles. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

9.
LEAO, D. ; CORNELLI, G. ; PEIXOTO, M. C. D. . Dos Homens e suas Ideias: Estudos sobre as Vidas de Diógenes Laércio. 2013. (Editoração/Livro).

10.
PEIXOTO, M. C. D.. Questoes de método na pesquisa em Filosofia Antiga. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

11.
PEIXOTO, M. C. D.. Seminario de Pesquisa: Os Pré-Socraticos. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

12.
PEIXOTO, M. C. D.. Programa de Auxílio a Pesquisa de Recém-Doutores/PRPQ/UFMG. 2005. (Relatório de pesquisa).

13.
PEIXOTO, M. C. D.. Representações do corpo e da alma na arte grega. 2004. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

14.
PEIXOTO, M. C. D.; PINHEIRO, F. G. ; TOLEDO, M. A. . Edital de Ciências Humanas. 2004. (Relatório de pesquisa).

15.
PEIXOTO, M. C. D.. Orientações para elaboração de uma monografia. 2003. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Manual).

Demais trabalhos
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Filocine: "O Tempero da Vida". 2006 (Cinema Comentado) .

2.
PEIXOTO, M. C. D.. Um Filme Falado de Manoel de Oliveira. 2005 (Cinema Comentado) .

3.
PEIXOTO, M. C. D.. IX Semana de Pós-Graduação "Risum teneatis, amici?". Interseções entre tragédia e comédia.. 2005 (Organização e Coordenação de Evento) .

4.
PEIXOTO, M. C. D.. A euhtymia como a boa krasis do thymos na ética democritiana. 2004 (Conferência) .

5.
PEIXOTO, M. C. D.. A Discussão sobre a Justiça na Tragédia Grega e a Elaboração da Reflexão Ética. 1994 (Conferência) .

6.
PEIXOTO, M. C. D.. A Eficácia da palavra na construção do Estado Grego. 1992 (Conferência) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
PUENTE, F. R.; PEIXOTO, M. C. D.; CASTRO, L. C. S.. Participação em banca de Gustavo Laet Gomes. A química atomista de Leucipo e Demócrito no tratado Sobre a geração e a corrupção de Aristóteles.. 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
PUENTE, F. R.; BRANDAO, J. J. L.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Luana Lorenzini Silva Stancioli. A perspectiva cosmológica no tratamento das questões éticas no Filebo de Platão. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R.; VIEIRA, C. O.. Participação em banca de José Henrique Vilela. Investigação sobre o "Nous" na cosmologia de Anaxágoras. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
Muniz, F.; MARQUES, M. P.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de João Gabriel da Silva Conque Santos. A fisiologia do prazer no "Górgias" de Platão. Conjecturas acerca da presença de teoriasda medicina hipocrática na reflexão platônica sobre o prazer.. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
MARQUES, M. P.; PEIXOTO, M. C. D.; OLIVEIRA, R. R.. Participação em banca de Fabrício Soares Santos. As relações entre natureza e convenção em Antifonte e no Anônimo de Jâmblico. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
PUENTE, F. R.; PEIXOTO, M. C. D.; BARBOSA, T. V. R.. Participação em banca de Vanderley Nascimento Freitas. O exercício do silêncio como terapia da alma na filosofia de Plutarco. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
DOURADO, A. O.; BRANDAO, J. J. L.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Marina Leonhardt Palmieri. Os tratados sobre o sono e o sonho, "De Somno et Vigilia" e "De Insomniis", de Aristóteles. 2015. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Federal de Minas Gerais.

8.
CORNELLI, G.; LOPES, R.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Sussumo Matsui. 'Paidagogike ton nosematon': a crítica à medicina no livro III da "República". 2015. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade de Brasília.

9.
PUENTE, F. R.; PEIXOTO, M. C. D.; OLIVEIRA, L.. Participação em banca de Mariana Monteiro Condé. Considerações sobre a noção de coragem nas Epistulae Morales ad Lucilium de Sêneca. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

10.
MENESES, J. N. C.; ALGRANTI, L. M.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Luca Palmesi. Saber e sabor: corpo, medicina e cozinha na obra de Francisco Fonseca Henriques. 2014. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Minas Gerais.

11.
PEIXOTO, M. C. D.; DOURADO, A. O.; ASSUNCAO, T. R.. Participação em banca de Martim Reyes da Costa. Densidade semântica e jogos de linguagem em Heráclito de Efeso.. 2013. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduaçao em Estudos Literários) - Universidade Federal de Minas Gerais.

12.
RAIMUNDO NETO, J.; BOLZANI, R.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Victor Magalhães Laguna Guimarães. A dialética de Carnéades Ceticismo e Probabilismo. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

13.
PUENTE, F. R.; PEIXOTO, M. C. D.; ANGIONI, L.. Participação em banca de Guilherme Ferreira Araújo. A importancia da análise semantica e das categorias no livro I da "Fisica" de Aristotéles. 2013. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

14.
PEIXOTO, M. C. D.; MARQUES, M. P.; FLAKSMAN, A.. Participação em banca de Celso de Olveira Vieira. Razao, alma e sensaçao na antropologia de Heraclito.. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

15.
PEIXOTO, M. C. D.; BOLZANI, R.; BRANDAO, J. J. L.. Participação em banca de Felipe Gustavo Pinheiro. A arte da guerra cinica. Ascese e prazer em Diogenes de Sinope.. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

16.
MARQUES, M. P.; PEIXOTO, M. C. D.; ARAUJO, M. C.. Participação em banca de Venúncia Emília Coelho. Cena e conceito no Górgias de Platão. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

17.
PEIXOTO, M. C. D.; MARQUES, M. P.; Montenegro, M. A. de P.. Participação em banca de Juliano Paccos Caram. A natureza do apetite na ascese erótica do Simpósio de Platão.. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

18.
BOLZANI, R.; MARQUES, M. P.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Daniela Paulinelli Rodrigues Freitas. O agon de Sócrates no horizonte de distinção entre ser e parecer: tradução e comentário da Apologia platônica.. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

19.
ARAÚJO JR., A. B.; REIS, M. D.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Karina Lúcia Fabrini de Moraes. A unidade corpo-alma na fisiologia etica do Timeu de Platao.. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

20.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R.; Zingano, M.. Participação em banca de Edgard Cabral Cardoso. O prudente e o experiente na ética de Aristóteles. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

21.
Zingano, M.; PUENTE, F. R.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Débora Mariz. Da Ação à Habituação: a finalidade poiética da ação na ética aristotélica. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

22.
PEIXOTO, M. C. D.; MARQUES, M. P.; CARDOSO, D.. Participação em banca de Viviane Dutra Gramigna. O conceito aristotélico de phantasia deliberativa no livro III do "De anima". 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

23.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R.; BOLZANI, R.. Participação em banca de Juliana Peixoto. O nous no Tratado da Alma de Aristóteles. 2005. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

24.
PEIXOTO, M. C. D.; MARQUES, M. P.; COELHO, M. C. M. N.. Participação em banca de Anna Christina da Silva. A arte da contradição na primeira Tetralogia de Antifonte. 2005. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

25.
PEIXOTO, M. C. D.; MORAES, J. C.; PERINE, M.. Participação em banca de Ricardo de Pauli Oliveira. A Teoria da Percepção em Epicuro. Da Canônica à Fisica do Prazer. 2001. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
MOURA, A. H. R.; PEIXOTO, M. C. D.; MOREIRA, V. C.; BRANDAO, B. G. S. L.; GONCALVES, R. T.. Participação em banca de Juliano Samways Petroski. Retomadas criativas de Kleos no início da filosofia grega: Xenófanes e Heráclito na crítica de Hesíodo.. 2018. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade Federal do Paraná.

2.
PUENTE, F. R.; BRANDAO, J. J. L.; PEIXOTO, M. C. D.; LOPES, R.; BOLZANI, R.. Participação em banca de Gislene Vale dos Santos. Sobre o estatuto ontológico do sensível. 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
ARAÚJO JR., A. B.; MARQUES, M. P.; Montenegro, M. A. de P.; REIS, M. D.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Juliano Paccos Caram. A natureza e as manifestações do desejo na "República" de Platão. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
SANTORO, F.; Zingano, M.; MARQUES, M. P.; PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R.. Participação em banca de Igor Motta Morici. O entardecer da vida. Um estudo sobre a velhice em Aristóteles. 2015. Tese (Doutorado em Pós-graduação em filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
FLAKSMAN, A.; MARQUES, M. P.; Montenegro, M. A. de P.; PALUMBO, L.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Celso de Oliveira Vieira. 'Elogiar o cavalo pela sombra do asno': O funcionamento dos nomes a partir do "Crátilo" de Platão.. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
ARAUJO, C. M. B.; MARQUES, M. P.; REIS, M. D.; PEIXOTO, M. C. D.; FLORES JUNIOR, O.. Participação em banca de Diogo Norberto Mesti da Silva. Entre movimentos e imagens: os poderes da alma na "República" de Platão. 2014. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
PEIXOTO, M. C. D.; Silva, M. F. da; BULHOES, F. M.; AZAR FILHO, C. M.; MURACHCO, H. G.. Participação em banca de Everton da Silva Rocha. A morte pode ser conhecida: percurso em torno da compreensao da mortalidade na filosofia de Epicuro. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

8.
MARQUES, M. P.; PERINE, M.; BRANDAO, J. J. L.; PEIXOTO, M. C. D.; Muniz, F.. Participação em banca de Maria Dulce Reis. Tripartição e unidade da psykhé no "Timeu" e nas "Leis" de Platão. 2007. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

9.
PEIXOTO, M. C. D.; BRANDAO, J. J. L.; SCHULER, D.; AUGUSTO, M. G. M.; BRANCO, L. C.. Participação em banca de Pedro Ipiranga Júnior. Imagens do outro como um si mesmo: drama e narrativa nos relatos de Luciano de Samosata e na Vita Antonii de Atanásio.. 2006. Tese (Doutorado em Estudos Literários) - Universidade Federal de Minas Gerais.

10.
PEIXOTO, M. C. D.; CORNELLI, G.; BENOIT, A. H. R.; NETTO, F. B. S.; SANTOS, M. C. A.. Participação em banca de Gérson Pereira Filho. A Cidade das Leis (Platão) e seu percurso histórico. 2005. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Estadual de Campinas.

11.
PEIXOTO, M. C. D.; HIRATA, F. Y.; DUARTE, A. S.; PIRES, F. M.; MARQUES, M. P.. Participação em banca de Maria Cecilia de Miranda Nogueira Coelho. Euripedes, Helena e a Demarcação entre Retorica e Filosofia. 2002. Tese (Doutorado em Letras (Letras Clássicas)) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
BRANDAO, J. J. L.; REIS, M. C. L. G.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Fábio da Silva Fortes. Imagens e paradigmas do pensar: as letras e a dialética no Fedro de Platão. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
PUENTE, F. R.; BRANDAO, J. J. L.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Gislene Vale do Santos. Sobre o estatuto ontológico do sensível.. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de pós-graduação em filosofia da UFMG) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
PUENTE, F. R.; Zingano, M.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Igor Mota Morici. O entardecer da vida. Um estudo sobre a velhice em Aristóteles. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
MARQUES, M. P.; Montenegro, M. A. de P.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Celso de Oliveira Vieira. ?Elogiar o cavalo a partir da sombra do asno. (Fédro, 260c)? O que Platão diz e faz com os nomes em seus diálogos. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
PEIXOTO, M. C. D.; MARQUES, M. P.; ARAUJO, C. M. B.. Participação em banca de Diogo Norberto Mesti da Silva. Entre movimentos e imagens: os poderes da alma na. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
Muniz, F.; MARQUES, M. P.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Juliano Paccos Caram. O apetite como resultado da simetria ou dissimetria do corpo-alma na República de Platão. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
BOLZANI, R.; PUENTE, F. R.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Juliana Peixoto. A noesis de Aristóteles. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

8.
ASSUNCAO, T. R.; BARBOSA, T. V. R.; Donnard, A. M.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Luciene Lages Silva. Héracles thumoleon.. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Estudos Literários) - Universidade Federal de Minas Gerais.

9.
PEIXOTO, M. C. D.; PERINE, M.; MARQUES, M. P.. Participação em banca de Maria Dulce Reis. A tripartição da psykhé no "Timeu" de Platão. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Qualificações de Mestrado
1.
CORNELLI, G.; BACELAR, A.; PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Sussumo Matsui. "Paidagogike ton nosematon": a crítica à medicina no livro III da "República". 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Filosofia) - Universidade de Brasília.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
PEIXOTO, M. C. D.; COUTINHO, C. L. S.. Participação em banca de Marcelo Daniel Rodrigues. Do processo educativo ao Rei-Filósofo no livro VII da "República" de Platão. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Estudos Clássicos) - Universidade de Brasília.

2.
PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Adriana Baldan. Poesia e 'aletheia': refutação da concepção de evolução na transição do pensamento Mítico ao Racional.. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Estudos Clássicos) - Universidade de Brasília.

3.
PEIXOTO, M. C. D.. Participação em banca de Sussumo Matsui. Medicina e Religião: O divino no 'Da Doença Sagrada'. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Especialização em Estudos Clássicos) - Universidade de Brasília.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
PEIXOTO, M. C. D.; DRAWIN, C. R.; SPANIOL, W.. Participação em banca de Carlos Albuquerque Santiago.A importância do exercício da virtude na formação do caráter na ética aristotélica.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia.

2.
PEIXOTO, M. C. D.; BARRETO, M. H.; BOTIN, F. J. H.. Participação em banca de Francys Silvestrini Adão.O Desejo como princípio motor da ação humana. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia.

3.
PEIXOTO, M. C. D.; BOTIN, F. J. H.; BARRETO, M. H.. Participação em banca de Roberto Carlos Roman Novak.Sobre a atualidade da concepção aristotélica de virtude.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia.

4.
PEIXOTO, M. C. D.; DOWELL, J. A. A. A. M.; BARRETO, M. H.. Participação em banca de Felipe Gustavo Pinheiro.A ação cínica como expressão da máxima ?viver segundo a natureza?.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia.

5.
PEIXOTO, M. C. D.; DRAWIN, C. R.; SPANIOL, W.. Participação em banca de Maria Angélica Toledo.H. C. de Lima Vaz e a concepção aristotélica de eudaimonia.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia.

6.
PEIXOTO, M. C. D.; SPANIOL, W.; DOWELL, J. A. A. A. M.. Participação em banca de Cleiton Junior Gretzler.Uma reflexão sobre o futuro da ética Vaziana tomando como objeto os princípios do reconhecimento e do consenso. 2004 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

7.
PEIXOTO, M. C. D.; DOWELL, J. A. A. A. M.; SPANIOL, W.. Participação em banca de Jonas Elias Caprini.Amizade e Intersubjetividade. Uma reflexão à luz de Aristóteles e de Henrique Cláudio de Lima Vaz.. 2004 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

8.
PEIXOTO, M. C. D.; DOWELL, J. A. A. A. M.; DRAWIN, C. R.. Participação em banca de Jean Fábio Santana.Educação, instrumento para a verdadeira liberdade em Platão. 2004 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

9.
PEIXOTO, M. C. D.; SPANIOL, W.; DRAWIN, C. R.. Participação em banca de Francisco Carlos Semião.O Dever em Kant e na Filosofia Antiga. 2003 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

10.
PEIXOTO, M. C. D.; DRAWIN, C. R.; SPANIOL, W.. Participação em banca de Neilton Abadio Veloso.Os Fundamentos Aristotélicos da reflexão ética de H. C. de Lima Vaz.. 2003 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

11.
PEIXOTO, M. C. D.; DOWELL, J. A. A. A. M.; BARRETO, M. H.. Participação em banca de Sérgio Mendonça de Almeida.Uma critica à ciência a partir das categorias de qualidade e quantidade. 2003 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

12.
PEIXOTO, M. C. D.; DOWELL, J. A. A. A. M.; BARRETO, M. H.. Participação em banca de Germano Cord Neto.Etica e Tecnociência. 2003 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.

13.
PEIXOTO, M. C. D.; DOWELL, J. A. A. A. M.; DRAWIN, C. R.. Participação em banca de Rosana Ribeiro de Morais.O Conceito e a Imagem de Natureza na Ciência Grega e na Ciência Moderna. 2003 - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
PANCERA, C. G. K.; ADVERSE, H.; PEIXOTO, M. C. D.. Selecao de candidatos a uma bolsa de Pos-Doutorado. 2012. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
OLIVEIRA, C.; MARCONDES, D.; SANTORO, F.; PEIXOTO, M. C. D.; Francalanci, C.. Concurso para Professor Adjunto de Filosofia Antiga. 2008. Universidade Federal Fluminense.

3.
Duarte, R. P.; Souza, N. B.; PEIXOTO, M. C. D.. Professor Adjunto. 2008. Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
PEIXOTO, M. C. D.; VAISMAN, E.; RAIMUNDO NETO, J.. Professor Substituto. 2004. Universidade Federal de Minas Gerais.

Outras participações
1.
PANCERA, C. G. K.; PEIXOTO, M. C. D.; CECCHINATO, G.. Seleção para o Mestrado em Filosofia. 2017. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
PEIXOTO, M. C. D.. Semana de Iniciação Cientifica da UFMG. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
REZENDE, A. M.; ISOLA, R. L. P. D.; PEIXOTO, M. C. D.. Banca de concurso para Promoção à classe de Professor Associado de Heloísa Maria Moraes Moreira Penna. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
PEIXOTO, M. C. D.; LOPES, R. A.. Semana de Iniciação Cientifica da UFMG. 2014. Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
PEIXOTO, M. C. D.; ROQUETTE, F.. Seleçao de candidatos ao Programa De Intercambio Discente Minas Mundi/UFMG. 2012. Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R.. Seleção de candidatos ao curso de especialização em Temas Filosóficos. 2008. Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
PEIXOTO, M. C. D.; VAISMAN, E.; VIEIRA, L.. Seleçao de Bolsistas para o programa de Monitoria. 2008. Universidade Federal de Minas Gerais.

8.
PEIXOTO, M. C. D.; BIRCHAL, T.. Seleção para o curso de Especialização (lato sensu) em Temas Filosóficos. 2005. Universidade Federal de Minas Gerais.

9.
PEIXOTO, M. C. D.; MARQUES, M. P.; FREITAS, V.. Seleção de Candidatos ao Doutorado em Filosofia. 2005. Universidade Federal de Minas Gerais.

10.
PEIXOTO, M. C. D.; MACEDO, I.. Seleção de Bolsistas do Programa de Iniciação à Docência -PID Filosofia. 2005. Universidade Federal de Minas Gerais.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
II Jornada de Poesia Grega Antiga.Justiça em verso e em prosa: o problema da visibilidade na determinação das ações justas e injustas em Hesíodo e nos Pré-Socráticos. 2018. (Outra).

2.
Sixth Biennial Conference of the International Association for Presocratic Studies. Reflections on time on the horizon of human experience. A reading of the "Anonymous of Iamblichus". 2018. (Congresso).

3.
II Simpósio Internacional Filosofia e Literatura. República e recepção.Hesíodo e os Pré-Socráticos: considerações sobre a justiça nos limites da visibilidade.. 2017. (Simpósio).

4.
Seminário de Estudos Clássicos e Medievais - Jornadas do do NEAM.Imagens do tempo na Filosofia Pré-Socrática.. 2017. (Seminário).

5.
V Congresso da Associação Latino-Americana de Filosofia Antiga. A leitura de Aristóteles da doutrina democritiana da alma.. 2017. (Congresso).

6.
VI Simpósio Internacional de Estudos Antigos: philia/amicitia na Antiguidade.O Parmênides de Eléia de Marcelo Marques.. 2017. (Simpósio).

7.
Fifth Conference of the International Association for Presocratic Studies. Democritus on the death (and birth). 2016. (Congresso).

8.
III Congreso Internacional de Filosofía Griega. Imagens do tempo na filosofia pré-socrática.. 2016. (Congresso).

9.
II International Plato Spring Seminar : The Politicus.The Politicus of Plato. 2016. (Seminário).

10.
XI Symposium Platonicum.Chair. 2016. (Simpósio).

11.
Early Greek Philosophy and Life Sciences - International Workshop.Life, Birth and Death in the physiology of Democritus. 2014. (Oficina).

12.
Fourth Conference of the International Association for Presocratic Studies. w to name the invisible principles? The challenge for naming what the eyes do not see. Democritus and Atomists.. 2014. (Congresso).

13.
Fourth Conference of the International Association for Presocratic Studies. Session Chair, Democritus and Atomists. 2014. (Congresso).

14.
Seminário Permanente em Filosofia Antiga e Medieval: Noçoes, conceitos e categorias da filosofia antiga e medieval.Den / meden no atomismo de Demócrito.. 2014. (Seminário).

15.
IV Simpósio Internacional de Estudos Antigos: Diálogos entre literatura e filosofia gregas, sobre retórica e emoções.Πειθώ et πάθος chez Gorgias. 2013. (Simpósio).

16.
IV Simpósio Internacional Ousia.Filosofia e Retórica. Performances da palavra.. 2013. (Simpósio).

17.
VIII Simpósio de Filosofia da UEM. Caminhos que se bifurcam: liberdade e determinismo..Liberdade ou determinismo? Consideraçoes sobre a física e a ética atomistas. 2013. (Simpósio).

18.
XIX Congresso da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos: O Futuro do Passado.. As representações do porvir na filosofia pré-socrática e suas reverberações éticas. 2013. (Congresso).

19.
III Congreso Bienal de la Asociacion Internacional de Estudios Presocraticos. The visible and the invisible in Democritean Atomism. 2012. (Congresso).

20.
Journée d'Etudes du Séminaire "L'âme et ses discours".Le dialogue intime de l?âme. Démocrite, l'intellection et les sensations.. 2012. (Seminário).

21.
Primeira Conferência da área latino-americana da International Plato Society/X Seminário Internacional Archai. Platao, estilos e personagens: Personagens em foco I  . 2012. (Congresso).

22.
Projeto Sexta Filosofica.A Experiencia da escuta no aprendizado da filosofia.. 2012. (Seminário).

23.
Semana Luso-Brasileira de Estudos na Magna Grécia.Filosofos entre a Vida e a Morte. Uma leitura do livro IX das Vidas e Opinioes dos Filosofos Ilustres de Diogenes Laercio.. 2012. (Seminário).

24.
Seminario de Filosofia Antiga: Questões de Retorica.A psicagogia d(n)o "Fedro" de Platao.. 2012. (Seminário).

25.
Seminario Tematico: "Liberdades"."Os antigos gregos e a experiencia da palavra franca (parrhesia)". 2012. (Seminário).

26.
Socratica III: Socrates, the Socratics and the Ancient Socratic Litterature.. 2012. (Simpósio).

27.
Tradição e Ruptura: Nietzsche e os Gregos..Nietzsche e os Pré-Socraticos.. 2012. (Seminário).

28.
III Simposio Internacional de Estudos Antigos.O estatuto da imagem na Filosofia Pré-Socrativa.. 2011. (Simpósio).

29.
Incontri dell'Istituto Italiano degli Studi Filosofici.Panorama culturale del Brasile. 2011. (Encontro).

30.
XI Simpósio Internacional da Sociedade Brasileira de Platonistas e VII Seminário Internacional Archai. Mini-curso: Os discursos de Fedro, Pausanias e Eriximaco no Simposio Platonico.. 2011. (Congresso).

31.
XI Simpósio Internacional da Sociedade Brasileira de Platonistas e VII Seminário Internacional Archai: O. Corpo, alma, visível e invisível no ?Symposium? platônico.. 2011. (Congresso).

32.
XVIII Congresso Nacional da Sociedade Brasileira de Estudos Classicos - SBEC. Demócrito e Platão: um dialogo sobre a justiça. 2011. (Congresso).

33.
2nd Meeting of the International Association for Presocratic Studies.L'homme démocritéen. Esquisse d'une anthropologie.. 2010. (Encontro).

34.
Eleatica 2010 - La "natura delle cose" prima di Parmenide: il mondo visto da Senofane.."Presentazione di novità editoriali ": "I Presocratici" di G. Casertano. 2010. (Seminário).

35.
II Encuentro Latinoamericano de Filosofia Antigua.Ver y escuchar: la reflexion sobre los sentidos en Heraclito e Parmênides. 2009. (Encontro).

36.
III Seminario de Filosofia Antiga: Os Pré-Socraticos e suas influências..Democrito em Platao: uma presença obliqua.. 2009. (Seminário).

37.
II Simpóso Internacional de Estudos Antigos: O conceito de PHYSIS/NATVRA na filosofia antiga..Rhusmos e movimento dos átomos na física de Demócrito.. 2009. (Simpósio).

38.
Winter School / No just Eleatics.La natura dell'uomo tra necessità e lbertà in Democrito.. 2009. (Outra).

39.
X Simposio Internacional da Sociedade Brasileira de Platonistas / VI Seminario Interncional ARCHAI.Democrito e Platao: o papel da alma no cuidado do corpo.. 2009. (Simpósio).

40.
XVII Congresso Nacional de Estudos Clássicos: Amizade e prazer no mundo antigo.. Amizade e prazer na Filosofia Antiga. 2009. (Congresso).

41.
First Conference of the International Association for Presocratic Studies: Science and Philosophy Ionien.Sur le percevoir et le concevoir: le témoignage DK 68 A 105 de Démocrite. 2008. (Simpósio).

42.
II Simposio Internacional Ousia de Estudos Classicos - Pathos: A poética das emoçoes..A afecçao do desejo nos filosofos Pré-Socraticos. 2008. (Simpósio).

43.
VI Encontro de Estudos Clássicos / II Seminário de Filosofia Antiga.Prazer e Felicidade em Demócrito. 2008. (Encontro).

44.
V Seminário Internacional ARCHAI - A Cidade Antiga: categorias conceituais e representações sociais.A cidade, o sábio e os outros homens. Demócrito pensador da polis.. 2008. (Seminário).

45.
XVII SEMANA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA.Geração e corrupção, morte e vida: física e antropologia nos pluralistas gregos. 2008. (Outra).

46.
XVII SEMANA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA.Morte em Seneca. 2008. (Outra).

47.
XVII SEMANA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA.́tica e Dietética na Filosofia Anterior a Platão. 2008. (Outra).

48.
Atelier-Colloque Miroirs de la Mélancolie / Mirrors of Melancholy.Le contrepoint de la mélancolie. Démocrite entre Hippocrate et Robert Burton.. 2007. (Simpósio).

49.
III Colóquio Filosofia e Ficção.A imagem das paixões da alma na arte, literatura e filosogia gregas.. 2007. (Outra).

50.
I Simposio Internacional de Estudos Antigos: Saude do homem e da cidade na Antigüidade Greco-Romana.A dietética como expressão da atividade da alma no cuidado com o corpo. 2007. (Simpósio).

51.
VII Semana de Filosofia: O sentido da visão na Filosofia.Os diferentes sentidos da visão na filosofia Pré-Socrática.. 2007. (Seminário).

52.
XIV Simpósio de estudos greco-romanos: A paixão.Cícero, Plutarco e Galeno : Sobre a possibilidade de uma therapeia das paixões.. 2007. (Simpósio).

53.
XVI SEMANA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA.A Concepção de Saúde na Filosofia Pré-Socrática. 2007. (Outra).

54.
XII Encontro Nacional de Filosofia da ANPOF.Afecções da alma e do corpo no debate entre filosofia e medicina no século V a.C.. 2006. (Encontro).

55.
A Morte não é o contrário da Vida. Reflexões sobre a morte nos filósofos pluralistas gregos..III Seminário Internacional Archai. 2005. (Seminário).

56.
A Natureza Humana entre a necessidade e a liberdade.. VII Congresso Sul Americano de Filosofia. 2005. (Congresso).

57.
Euthymia: a festa sub mensura de Demócrito de Abdera. VI Congresso da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos - SBEC: Memória e Festa. 2005. (Congresso).

58.
Platão aprendiz do Teatro - Debatedora.IV Semana de Pós-Graduação em Estudos Literários. 2005. (Simpósio).

59.
VI Congresso da Sociedade Brasileira de Estudos Clássicos - SBEC. Coordenadora de Sessão Coordenada: Considerações sobre a festa no âmbito da filosofia.. 2005. (Congresso).

60.
Considerações acerca do diálogo filosofia e medicina no século V a.C..II Seminário Internacional Archai. Diálogos Antigos: Encontro de saberes nas origens do pensamento Ocidental. 2004. (Seminário).

61.
L'euthymia comme la bonne krasis du thymos chez Démocrite.Mélanges, crases et tempéraments dans la biologie et la médecine anciennes.. 2004. (Simpósio).

62.
Os Filósofos e as Viagens. XII Congresso da Federação Internacional de Estudos Clássicos. 2004. (Congresso).

63.
Saúde do corpo, saúde da alma. Divergências e convergências no debate entre filosofia e medicina no século V a.C.: Demócrito e Hipócrates..XI Congresso da Associação Nacional de Pós-Graduaçao em Filosofia. 2004. (Encontro).

64.
A emergência do problema do sentido na Filosofia Antiga.Semana Filosofico-Teologica de Mariana. 2003. (Seminário).

65.
A Critica de Aristoteles à Concepção democritiana de movimento..Conferência proferida no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas / UNICAMP. 2002. (Outra).

66.
A Emergência da Reflexão sobre a Responsabilidade Moral no século V a.C..Aula Inaugural do Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus. 2002. (Outra).

67.
Démocrite chez Plutarque : texte et contexte dans le cadre des questions morales. Sixth International Conference of the International Plutarch Society (IPS). 2002. (Congresso).

68.
O Filosofo e o Politico: Atos e Entre-atos de Uma contribuição..Sexta Filosofica : Filosofia e Política. 2002. (Simpósio).

69.
Reflexões sobre a origem do mal na filosofia antiga..Semana Filosofica da PUCMINAS : A Filosofia e o Mal. 2002. (Seminário).

70.
Ventura e Desventura da Etica Democritiana.Conferência proferido no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da UNICAMP. 2002. (Outra).

71.
A Concordia como expressão da summetria no microcosmo da cidade. Uma leitura das sentenças éticas de Democrito.VI Coloquio do CPA: Contradições e Discordia na Antiguidade Classica - IFCH/UNICAMP. 2001. (Outra).

72.
A Etica Democritiana entre o acaso e a necessidade.Mini-Coloquio de Filosofia Antiga - UFMG. 2001. (Encontro).

73.
Démocrite et la Rhétorique: éloge ou blâme. XIII Biennial Conference of the International Society for the History of Rhetoric. 2001. (Congresso).

74.
La généalogie de la notion de metron chez les poètes: Homère, Hésiode, Solon et Théognis.Journée des Doctorants de l'Université des Sciences Humaines de Strasbourg. 1998. (Seminário).

75.
O Outro e o Diferente: em Busca da Simetria. I° Congresso de Ciências Humanas de Minas Gerais. 1995. (Congresso).

76.
A Reflexão sobre o Metron nos Fragmentos de Democrito.Encontro de Estudos Classicos. 1994. (Encontro).

77.
O Esboço da Metretikè Technè de Platão nos Fragmentos Eticos de Democrito.I° Simposio Nacional de Filosofia Antiga. 1994. (Simpósio).

78.
O Logos do mythos: uma leitura da obra de Hesiodo.Simposio : Mito e Filosofia. 1994. (Simpósio).

79.
O Nascimento da Reflexão Etica na Grécia Antiga. De Homero ao periodo Helenistico.Semana Filosofica. 1993. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PUENTE, F. R. ; CARAM, J. P. ; PEIXOTO, M. C. D. ; OLIVEIRA, R. R. ; Muniz, F. ; REIS, M. C. L. G. . Minicurso "Amores, prazeres e leis: 4 diálogos com Platão". 2017. (Outro).

2.
PUENTE, F. R. ; COELHO, M. C. M. N. ; PEIXOTO, M. C. D. . VI Simpósio Internacional de Estudos Antigos: philia/amicitia na Antiguidade. 2017. (Congresso).

3.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R. ; VIEIRA, C. O. ; SANTOS, G. V. ; FONTES, L. M. N. ; CARVALHO, N. A. ; VILELA, J. H. ; SANTOS, J. G. S. C. ; FREITAS, V. N. ; GOMES, G. L. ; CARVALHO, L. C. H. ; OLIVEIRA, M. L. . V Simpósio Internacional de Estudos Antigos:. 2015. (Congresso).

4.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R. ; CORNELLI, G. ; ARAUJO, C. M. B. ; FONTES, L. M. N. ; OLIVEIRA, L. ; PEIXOTO, J. ; SILVA, M. F. . Seminario em Filosofia Antiga e Medieval: Noçoes, conceitos e categorias da filosofia antiga e medieval. 2014. (Outro).

5.
PEIXOTO, M. C. D.. I Jornada de Filosofia da UFMG: Liberdade e Violência. 2014. (Outro).

6.
PEIXOTO, M. C. D.; QUEVEDO, A. L. . Laboratório Convida: Ensinar Filosofia.... 2014. (Outro).

7.
FLAKSMAN, A. ; MARQUES, M. P. ; PEIXOTO, M. C. D. ; HOLANDA, L. S. B. ; FERRARI, F. ; FRONTEROTTA, F. ; VIEIRA, C. O. . Doxografias - Seminário Permanente de Estudos Pré-Socráticos: Heráclito e(m) Platão. 2013. (Outro).

8.
PEIXOTO, M. C. D.; VASILIU, A. . Seminario em Filosofia Antiga e Medieval: "Penser l'identité et l'alterité. Conditions de Possibilité". 2013. (Outro).

9.
CORNELLI, G. ; PEIXOTO, M. C. D. ; LEAO, D. ; MESQUITA, A. P. . I Semana de Estudos Luso-Brasileiros na Magna Grécia: As "Vidas e Doutrinas" de Diogenes Laércio. 2012. (Outro).

10.
MARQUES, M. P. ; PEIXOTO, M. C. D. ; PUENTE, F. R. . III Simposio Internacional de Estudos Antigos: Teorias da Imagem na Antiguidade. 2011. (Congresso).

11.
CORNELLI, G. ; PEIXOTO, M. C. D. ; MACRIS, C. ; Fernandes, E. ; SANTORO, F. . On Pythagoreanism. VIII International Archai Seminar IV Escola de Altos Estudos Archai/CAPES. 2011. (Congresso).

12.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R. ; MARQUES, M. P. ; COELHO, M. C. M. N. . A Filosofia da Magna Grécia. 2011. (Outro).

13.
MARQUES, M. P. ; PEIXOTO, M. C. D. ; PUENTE, F. R. . II Simpósio Internacional de Estudos Antigos: O Conceito de PHYSIS/Natura na Filosofia Antiga. 2009. (Congresso).

14.
Silva, M. F. da ; CORNELLI, G. ; RIBEIRO JUNIOR, W. A. ; Oliveira, A. ; CAIRUS, H. F. ; ARAÚJO, O. L. de ; SANTOS, M. M. dos ; PRADO, J. B. T. ; VASQUES, M. S. ; LESSA, F. de S. ; RIBEIRO, T. O. ; PEIXOTO, M. C. D. . XVII Congresso Nacional de Estudos Clássicos. 2009. (Congresso).

15.
CORNELLI, G. ; MARQUES, M. P. ; PEIXOTO, M. C. D. ; PUENTE, F. R. ; FELICORI, C. ; BERNARDES, L. S. DE M. ; PINHEIRO, F. G. ; FABRINI, K.L. ; CARAM, J. P. ; JARDIM, B. S. . I Simpósio Internacional de Estudos Antigos: Saúde do homem e da cidade na Antigüidade Greco-Romana. 2007. (Congresso).

16.
PEIXOTO, M. C. D.. Encontro de Filosofia. 2003. (Outro).

17.
PEIXOTO, M. C. D.. Sexta Filosofica : Filosofia e Conhecimento. 2003. (Outro).

18.
PEIXOTO, M. C. D.. Sexta Filosofica: Filosofia e Etica. 2003. (Outro).

19.
PEIXOTO, M. C. D.. Sexta Filosofica : Filosofia e Politica. 2002. (Outro).

20.
PEIXOTO, M. C. D.; PEIXOTO, M. C. Diniz ; FRANCA, G. . Gestão de Recursos Hidricos. 2001. (Congresso).

21.
PEIXOTO, M. C. D.; BIRCHAL, T. . Semana Comemorativa dos 400 anos da morte de Michel de Montaigne. 1992. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Eduardo da Silva Teodoro. O uso epistemológico da noção de justiça em Parmênides. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

2.
Matheus de Oliveira Lopes. Cavando oposições, encontrando polaridades ? a respeito da teoria dos opostos em Heráclito. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Gustavo Laet Gomes. Eram os Atomistas Eleatas?. Início: 2018. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

2.
Patrícia Lucchesi Barbosa. As performances da psicagogia no Fedro de Platão. Início: 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

3.
Vanderley Nascimento Freitas. O Estatuto de corpo e de alma em Plutarco: Por que é mais difícil manter a saúde da alma que a do corpo?. Início: 2017. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

4.
Marcos Roberto Damásio da Silva. As senso-percepções (aístheseis) e a dimensão positiva da aparência no atomismo de Demócrito. Início: 2016. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

5.
João Gabriel da Silva Conque Santos. A fisiologia do prazer no livro IX da "República": um rompimento de Platão com o modelo do prazer-preenchimento?. Início: 2016. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

6.
João Luiz de Magalhães. A medicina hipocrática e os fundamentos da bioética principialista no concernente à terminalidade da vida. Início: 2015. Tese (Doutorado em Bioética) - Faculdade de Medicina da Universidade do Porto. (Coorientador).

7.
Fábio da Silva Fortes. Imagens e paradigmas do pensar: as letras e a dialética no "Fedro" de Platão. Início: 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Catharina Viana de Andrade Marini Mattos. Filosofia e literatura:considerações sobre a afecção do medo nas paragens do Grande Sertão, Veredas.. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. (Orientador).

2.
Matheus Filipe Silva Pereira. Justiça e lei no Criton de Platão.. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Gustavo Laet Gomes. A química atomista de Leucipo e Demócrito no tratado Sobre a geração e a corrupção de Aristóteles. 2018. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

2.
José Henrique Vilela. A concepção de "nous" na cosmologia de Anaxágoras. 2017. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

3.
Vanderley Nascimento Freitas. O exercício do silêncio como terapia da alma na filosofia de Plutarco. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

4.
João Gabriel da Silva Conque Santos. A FISIOLOGIA DO PRAZER NO GÓRGIAS DE PLA TÃO: CONJECTURAS ACERCA DA PRESENÇA DE TEORIAS DA MEDICINA HIPOCRÁTICA NA REFLEXÃO PLATÔNICA SOBRE O PRAZER. 2016. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

5.
Carla Leandra Linhares. O cuidado de si no Cármides e no Alcíbiades I de Platão. 2014. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

6.
Leila Silva de Miranda Bernardes. O problema da relação corpo-alma e o estatuto das sensações em Aristóteles: um estudo da psicofisiologia do vivente.. 2012. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

7.
Celso de Oliveira Vieira. Razão, alma e sensação na antropologia de Heráclito.. 2011. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

8.
Felipe Gustavo Pinheiro. A arte da guerra cinica. Ascese e prazer em Diogenes de Sinope.. 2010. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

9.
Karina Lúcia Fabrini de Moraes. A unidade corpo-alma na fisiologia etica do Timeu de Platão.. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

10.
Juliano Paccos Caram. A natureza do apetite na ascese erótica do Simpósio de Platão. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

11.
Daniela Paulinelli Rodrigues Freitas. O agon de Sócrates no horizonte de distinção entre ser e parecer: tradução e comentário da Apologia platônica.. 2009. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, Faculdade Jesuita de Filosofia e Teologia (Recursos próprios). Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

12.
Débora Mariz. Da Ação à Habituação: a finalidade poiética da ação na ética aristotélica. 2007. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

13.
Viviane Dutra Gramigna. O conceito aristotélico de phantasia deliberativa no livro III do 'De anima'. 2006. Dissertação (Mestrado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

Tese de doutorado
1.
Juliano Paccos Caram. O apetite como resultado da simetria da alma na República de Platão.. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

2.
Celso de Oliveira Vieira. 'Elogiar o cavalo pela sombra do asno': O funcionamento dos nomes a partir do "Crátilo" de Platão.. 2015. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

3.
Jacqueline Bergamini Rodrigues Maretto. O paradigma da visão no. 2012. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

4.
Felipe Gustavo Pinheiro. A concepção de ascese como combate na filosofia de Diógenes de Sínope. 2011. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, . Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

5.
Everton Rocha. A Morte em Epicuro. 2009. Tese (Doutorado em Filosofia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Celso de Oliveira Vieira. 2015. Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Miriam Campolina Diniz Peixoto.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Claudira Teodoro de Resende Amorim. Por que filosofar é aprender a morrer? Uma leitura do "Fedon" de Platão. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

2.
Vanildes Rocha. Medida e proporçao no pitagorismo antigo. Uma leitura da. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

3.
Juliano Paccos Caram. A articulação entre a ascese erótica do "Banquete" e a doutrina da Reminiscência do "Fédon" de Platão. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

4.
Roberto Carlos Roman Novak. Sobre a atualidade da concepção aristotélica de virtude. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

5.
Francys Silvestrini Adão. O DESEJO COMO PRINCÍPIO MOTOR DA AÇÃO HUMANA. Uma leitura da concepção aristotélica de desejo, na Ética a Nicômaco.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

6.
Carlos Albuquerque Santiago. A importância do exercício da virtude na formação do caráter na Ética aristotélica.. 2005. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

7.
Maria Angélica Toledo. A concepção de Bem em Aristóteles e Henrique C. de Lima Vaz. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

8.
Felipe Gustavo Pinheiro. Razão e natureza em Diógenes de Sinope. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Filosofia) - Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

9.
Cleiton Junior Gretzler. Uma reflexão sobre o futuro da ética Vaziana tomando como objeto os princípios do reconhecimento e do consenso. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

10.
Jonas Elias Caprini. Amizade e Intersubjetividade. Uma reflexão à luz de Aristóteles e de Henrique Cláudio de Lima Vaz.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

11.
Jean Fábio Santana. Educação, instrumento para a verdadeira liberdade em Platão. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

12.
Francisco Carlos Semião. O Dever em Kant e na Filosofia Antiga. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

13.
Germano Cord Neto. Etica e Tecnociência. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

14.
Neilton Abadio Veloso. Os Fundamentos Aristotélicos da reflexão ética de H. C. de Lima Vaz.. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

15.
Rosana Ribeiro de Morais. O Conceito e a Imagem de Natureza na Ciência Grega e na Ciência Moderna. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

16.
Sérgio Mendonça de Almeida. Uma critica à ciência a partir das categorias de qualidade e quantidade. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

Iniciação científica
1.
Letícia Ferruzzi Sacchetin. O sábio e o filósofo nas "Vidas e doutrinas dos Filósofos ilustres" de Diógenes Laércio. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

2.
Filipe Bacelar Resende. A therapeia da alma em Epicuro. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

3.
Eduardo da Silva Teodoro. Justiça e Epistemologia em Parmênides. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

4.
Matheus Lopes de Oliveira. Relação e oposição em Heráclito de Êfeso. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

5.
Caio Andrade Rodrigues Rezende. Logo, natureza e fogo em Heráclito de Éfeso. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

6.
Eduardo da Silva Teodoro. A via da doxa em Parmenides. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

7.
Matheus de Oliveira Lopes. Natureza ama esconder-se: relacão e oposicão na cosmologia de Heráclito. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

8.
Filipe Bacelar Resende. Antifonte: determinações naturais X leis.. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

9.
Desirée Kinoshita R. de Oliveira. O recurso às metáforas e alegorias no poema de Parmênides. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

10.
Helton Lucas Romualdo. Natureza e discurso em Heráclito de Efeso. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

11.
Matheus Lopes Oliveira. A via das oposiçoes como via do discurso cosmologico em Heraclito de Efeso. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

12.
Ligea Clara de Carvalho Hoki. Socrates e a natureza do conhecimento nos. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

13.
Gustavo Laet Gomes. A discussão das teses atomistas no tratado. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

14.
Vanderley Nascimento Freitas. As formas do silêncio nas obras morais de Plutarco de Queronéia. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

15.
Ligea Clara de Carvalho Hoki. Percursos dialógicos do Socrátes dos Memoraveis de Xenofonte.. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

16.
Matheus Lopes Oliveira. Natureza Ama Esconder-­se: Relação e Oposição na Cosmologia de Heráclito de Éfeso. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

17.
Rafael Zaramela Lopes. Democrito e(m) Platao: Antropologia, Psicologia e Etica. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

18.
As formas do silêncio nas obras morais de Plutarco de Queron. Performances do silêncio em Plutarco.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

19.
José Henrique Vilela. A concepcao de "nous" em Anaxagoras de Clazomenes. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

20.
Rodrigo Barbosa Pithon. A problema dos contrarios no pensamento de Heraclito: linguagem e realidade. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

21.
Edivar Noronha. Geração e corrupção, morte e vida: física e antropologia nos pluralistas gregos. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

22.
Bruno de Medeiros Gonzaga. O problema da morte em Sêneca. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

23.
Luiza Santana de Oliveira. A reflexão sobre as paixões no Estoicismo grego.. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

24.
Leila Silva de Miranda Bernardes. A concepção de saúde na filosofia anterior a Platão. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

25.
Celso de Oliveira Vieira. Filosofia da linguagem e linguagem da filosofia em Heráclito e Parmênides. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Letras) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

26.
Cleuber Inácio Amaro. Ética e dietética na filosofia anterior a Platão.. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

27.
Leila Silva de Miranda Bernardes. A natureza humana: pitagóricos, atomistas e medicina hipocrática. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

28.
Maria Angélica Toledo. A reflexão de H. C. de Lima Vaz sobre a concepção aristotélica de eudaimonia. 2004. Iniciação Científica - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

29.
Felipe Gustavo Pinheiro. A Leitura Vaziana dos conceitos gregos de natureza e cultura. 2004. Iniciação Científica - Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia, Centro de Estudos Superiores da Companhia de Jesus/Faculdade de Filosofia. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

30.
Maria Dulce Reis (Co-orientação). O Numero e a Unidade na Cosmologia Pitagorica e sua Relação com a Noção Platônica de Idéia. 1996. Iniciação Científica. (Graduando em Filosofia) - Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas - UFMG, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

Orientações de outra natureza
1.
Rossana Claret Giannecchini. Monitoria de Historia da Filosofia Grega. 2013. Orientação de outra natureza. (Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade Federal de Minas Gerais/ PROGRAD. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

2.
Alice Medrado. Homem e natureza em Nietzsche. 2008. Orientação de outra natureza. (Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

3.
Camila Feliccori. A felicidade na obra Clarissa de Érico Veríssimo à luz da filosofia de Epicuro. 2007. Orientação de outra natureza. (Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

4.
Edivar Noronha. Os discursos da morte na Apologia de Sócrates de Platão. 2007. Orientação de outra natureza. (Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PET-MEC. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

5.
Leila Silva de Miranda Bernardes. O problema da relação corpo-alma nos Parva Naturalia de Aristóteles. 2007. Orientação de outra natureza. (Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade Federal de Minas Gerais/ PROGRAD. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.

6.
Davi Pantuzza Marques. Referências às artes em Platão e Aristóteles. 2005. Orientação de outra natureza. (Filosofia) - Universidade Federal de Minas Gerais, PID/PROGRAD/UFMG. Orientador: Miriam Campolina Diniz Peixoto.



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de extensão

Outros projetos


Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
PEIXOTO, M. C. D.. As metamorfoses da 'parrhesia' na antiguidade grega. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
PEIXOTO, M. C. D.. O visivel e o invisivel no Atomismo Antigo. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Questoes de método na pesquisa em Filosofia Antiga. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
PEIXOTO, M. C. D.. A Ética de Demócrito. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
PEIXOTO, M. C. D.. Introdução à Filosofia Pré-Socrática. 2018. .

4.
PEIXOTO, M. C. D.. Propedeutica a leitura de textos da Filosofia Antiga. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
PEIXOTO, M. C. D.. Razao, desejo e deliberaçao na 'Ética Nicomaquéia' de Aristóteles. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PEIXOTO, M. C. D.; PUENTE, F. R. ; MARQUES, M. P. ; COELHO, M. C. M. N. . A Filosofia da Magna Grécia. 2011. (Outro).

2.
PEIXOTO, M. C. D.. I Jornada de Filosofia da UFMG: Liberdade e Violência. 2014. (Outro).

3.
PEIXOTO, M. C. D.; QUEVEDO, A. L. . Laboratório Convida: Ensinar Filosofia.... 2014. (Outro).


Redes sociais, websites e blogs
1.
PEIXOTO, M. C. D.. Filosofia Antiga UFMG. 2012; Tema: Informaçoes e divulgaçao do Grupo de Pesquisa em Filosofia Antiga da UFMG. (Blog).

2.
PEIXOTO, M. C. D.; GRAHAM, D. W. ; MCKIRAHAM, R. . International Association for Presocratic Studies - IAPS. 2018; Tema: Site da International Association for Presocratic Studies. (Site).



Outras informações relevantes


Membro da Sociedade Brasileira de Estudos Classicos - SBEC
"Séjour de Recherche" junto à Ecole Française d'Archéologie d'Athènes, graças à bolsa concedida por esta instituição, no periodo de 21 de maio a 19 de junho de 2000.
Membro fundador da International Association for Presocratic Studies - IAPS
Membro da Associacion Latinoamericana de Filosofia Antigua - ALFA
Membro do Conselho Editorial da Coleçao "Sabedoria Antiga" das ediçoes Loyola.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/11/2018 às 6:30:16