Mario Rique Fernandes

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5103667223762538
  • Última atualização do currículo em 14/11/2018


Doutor em Antropologia Social pela Universidade Federal do Amazonas. Fez graduação em Ecologia pela Unesp de Rio Claro/SP, e mestrado interdisciplinar em Desenvolvimento Sustentável, na linha de pesquisa em Educação e Gestão Ambiental, no Centro de Desenvolvimento Sustentável da Universidade de Brasília. Possui experiência de trabalho na Amazônia e produção acadêmica na área de antropologia, etnoecologia e etnobotânica com comunidades indígenas e agricultores familiares do Brasil Central e Norte de Portugal. Atualmente é membro do Núcleo de Estudos da Amazônia Indígena (Neai/UFAM), com interesse em temáticas associadas à antropologia da paisagem, cosmopolíticas indígenas e etnografia multiespécies. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Mario Rique Fernandes
Nome em citações bibliográficas
FERNANDES, M. R.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Amazonas, Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social.
Rua Ferreira Pena - até 669/670
Centro
69010140 - Manaus, AM - Brasil
URL da Homepage: http://www.ppgas.ufam.edu.br


Formação acadêmica/titulação


2013 - 2017
Doutorado em Antropologia Social.
Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
Título: O umbigo do mundo: mitopoética dos índios Apurinã e o espírito ancestral da floresta (AM), Ano de obtenção: 2018.
Orientador: Gilton Mendes dos Santos.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas, FAPEAM, Brasil.
Palavras-chave: Apurinã; Antropologia da paisagem; Relação Humano/Não-Humano; Castanhais; Bertholletia excelsa.
2007 - 2009
Mestrado em Desenvolvimento Sustentável.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Refazendo o sertão: o lugar do buriti (Mauritia flexuosa l.f.) na cultura sertaneja de Terra Ronca,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Leila Chalub Martins.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Terra Ronca; Mauritia flexuosa; Cerrado; Etnoecologia.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Geografia / Subárea: Geografia Humana.
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.
2006 - 2007
Especialização em Desenvolvimento Sustentável e Direito Ambiental. (Carga Horária: 180h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: A reserva extrativista Recanto das Araras de Terra Ronca: uma abordagem socioambiental.
Orientador: Othon Henry Leonardos.
1999 - 2003
Graduação em Bacharelado em Ecologia.
Instituto de Biociências de Rio Claro- UNESP, IBRC-UNESP, Brasil.
Título: Diversidade de plantas úteis nas aldeias da Terra Fria, Nordeste de Portugal.
Orientador: Maria Christina de Mello Amorozo.




Formação Complementar


2011 - 2011
"Moi, un cinèaste", o cinema sob a ótica do outro. (Carga horária: 12h).
Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
2011 - 2011
Prtoteção Ambiental e Patrimônio Cultural. (Carga horária: 6h).
Associação Brasileira de Antropologia, ABA, Brasil.
2010 - 2011
Povos e comunidades tradicionais da Amazônia. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
2010 - 2010
Teorias Ecológicas Aplicadas à Etnobotânica. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2010 - 2010
Etnografia Visual. (Carga horária: 4h).
Sociedade Brasileira de Etnobiologia e Etnoecologia, SBEE, Brasil.
2008 - 2008
English Language Study. (Carga horária: 160h).
International Language Schools of Canada, ILSC, Canadá.
2007 - 2007
Percepção e gestão de uma ecologia da complexidade. (Carga horária: 30h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2005 - 2005
Etnoecologia: Teoria, Metodologia e Ética.
Universidade de São Paulo/NUPAUB, USP/NUPAUB, Brasil.
2004 - 2004
Imagens da Natureza: Representações simbólicas.... (Carga horária: 60h).
Universidade de São Paulo, PROCAM, Brasil.
2003 - 2003
Etnobotânica. (Carga horária: 12h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2002 - 2002
Oficinas pedagógicas:Conteúdos, Ferramentas.... (Carga horária: 15h).
Associação Jequitibá de Agroecologia, AJA, Brasil.
2001 - 2001
Extensão universitária em Estágio de Vivência Interdiscilinar Rural. (Carga horária: 150h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2001 - 2001
Extensão universitária em Projeto de Educação Ambiental em Comunidade Rural.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2001 - 2001
Treinamento em Gestão Ambiental e Certificação ISO. (Carga horária: 16h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2001 - 2001
Etno-conservação: vivendo num parque. (Carga horária: 9h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Núcleo de Estudos da Amazônia Indígena, NEAI, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Fundação Vitória Amazônica, FVA, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Consultor, Enquadramento Funcional: Consultoria, Carga horária: 30


Universidade do Estado do Amazonas, UEA, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Professor vistante, Enquadramento Funcional: Professor visitante, Carga horária: 45, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplina ministrada: "Desenvolvimento Rural II"


Uiraçu, IU, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Trainee, Enquadramento Funcional: Auxiliar de projetos em educação ambiental, Carga horária: 20


Instituto Superior de Ensino Pedra Pintada, ISPP, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Docência, Carga horária: 60, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Rios e redes na Amazônia Indígena
Descrição: Este projeto tem como objetivo principal o estudo dos sistemas de saberes indígenas na Amazônia, a compreensão e análise de certos conceitos práticos e discursivos ancorados nas cosmologias e socialidades locais. Seu foco principal é a abordagem antropológica das concepções indígenas sobre os diferentes sentidos da relação natureza/cultura. Assim como a antropologia define suas balizas para interpretar os fatos sociais sobre sua própria sociedade e sobre aqueles referentes a outras, também as sociedades indígenas arquitetam seus recursos epistemológicos (práticos e discursivos) para falar dos seus e dos demais esquemas sociais. Esta pesquisa pretende, pois, investigar estas dimensões da ?antropologia indígena?. Ao mesmo tempo, pretende uma aproximação com as redes sociais indígenas atuais, dialogando a partir dos desafios contemporâneos sobre o sentido, o uso, o manejo e a comercialização de produtos da agrobiodiversidade, vivamente debatidos nas aldeias e terras indígenas das áreas de abrangência da proposta. Contando com apoio do Parque Científico Tecnológico e Inclusão Social (PCTIS/UFAM) e financiamento da empresa Natura, o projeto Rios e Redes se desenvolverá ao longo de dois anos (2013-2015) soba a responsabilidade do Núcleo de Estudos da Amazônia Indígena (NEAI), tendo em sua equipe de pesquisadores oito indígenas do Alto Rio Negro e Médio Purus..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (5) .
Integrantes: Mario Rique Fernandes - Integrante / Gilton Mendes dos Santos - Coordenador / Angélica Maia Vieira - Integrante / Admilton Freitas das Chagas Filho - Integrante / Carlos Machado Dias Jr. - Integrante / João Paulo Barreto - Integrante / Dagoberto Azevedo - Integrante / João Rivelino Rezende - Integrante / Maria Antonia Jarawara - Integrante / Gabriel Maia - Integrante / Luciano Rezende - Integrante / Ovídio Barreto - Integrante / Érika Paumari - Integrante.
2012 - 2012
Geopolítica da conservação II - Fortalecendo o sistema de Áreas protegidas do baixo Rio Negro através da pesquisa científica, políticas públicas e manejo local
Descrição: O projeto tem como objetivo a implementação e o fortalecimento do sistema de áreas protegidas no baixo e médio rio Negro através do conhecimento científico e de políticas públicas. O foco principal do projeto é atuar nas principais limitações e oportunidades apresentadas pelas unidades de conservação do baixo rio Negro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (1) .
Integrantes: Mario Rique Fernandes - Integrante / Sérgio Henrique Borges - Coordenador / Marcelo Paustein Moreira - Integrante / Célio Ribeiro dos Santos - Integrante.
2011 - 2013
Sistemas Produtivos no Médio Purus Indígena
Descrição: Integrante da rede de pesquisas do Instituto Brasil Plural (IBP), financiado pela FAPEAM e CNPq, este projeto objetiva o estudo da agrobiodiversidade, mais particularmente as atividades de agricultura, pesca e extrativismo praticados pelos povos do Médio Purus. Os produtos do extrativismo e da produção agrícola hoje de maior relevância são a coleta da castanha-do-Brasil, a pesca e a produção de farinha, que mobilizam diferentes atores e uma ampla rede de relações, internas e externas às comunidades indígenas. Esses produtos e atividades associadas operam na Bacia do rio Purus enredados numa trama de relações sociais e simbólicas, tecidas pelas unidades sociais e os esquemas cosmológicos aí operantes, e também no contexto do sistema de aviamento mais global com raízes históricas profundas na região. Desse modo, essa pesquisa propõe, basicamente, investir na produção etnográfica das práticas e de cultivo: seus aspectos técnicos, simbólicos, os sistemas de conhecimento e os regimes de troca. Com duração de dois anos (2011-2013), esse projeto é coordenado por Gilton Mendes dos Santos, com a participação de seus alunos orientandos do PPGAS/UFAM, todos membros do NEAI..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Mario Rique Fernandes - Integrante / Gilton Mendes dos Santos - Coordenador / Angélica Maia Vieira - Integrante / Antonio Alexandre Cardoso - Integrante / Ingrid Daiane - Integrante / Admilton Freitas das Chagas Filho - Integrante / Alba Garcia - Integrante / Thayná Ferraz da Cunha - Integrante.


Projetos de extensão


2014 - Atual
Sexta etnográfica
Descrição: O projeto Sexta Etnográfica constitui-se num evento quinzenal organizado por discentes do Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social - PPGAS - Museu Amazônico/UFAM que tem por objetivo promover a discussão sobre temas atuais no campo disciplinar da Antropologia e áreas afins, por meio da exibição de vídeos, filmes ficcionais, documentários e programas audiovisuais. Com essa atividade, espera-se uma maior inserção do PPGAS na cidade de Manaus, ampliando a divulgação de diferentes produções e a discussão com acadêmicos e comunidade em geral..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (5) Doutorado: (4) .
Integrantes: Mario Rique Fernandes - Coordenador / Sidney Antonio da Silva - Integrante / Márcia Regina Calderipe Farias Rufino - Integrante / Juliana de Almeida - Integrante / Isabel Wittmann - Integrante / Camila Garcia Iribarrem - Integrante / Jéssica Fontes Nascimento - Integrante / Rosana Carvalho Paiva - Integrante / Rosseline da Silva Tavares - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia indígena.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Arqueologia / Subárea: Ecologia histórica.
3.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Fotografia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2010
Prêmio Científico - V Simpósio Regional de Etnobiologia e Etnoecologia, Sociedade Brasileira de Etnobiologia e Etnoecologia - Regional Sudeste.
2010
Prêmio de Fotografia Etnobiológica Togáriê, Sociedade Brasileira de Etnobiologia e Etnoecologia ? Regional Sudest.
2010
Menção Honrosa no Prêmio VIII SBEE de Fotografia, Sociedade Brasileira de Etnobiologia e Etnoecologia/Sociedad Latinoamericana de Etnobiología.
2010
Menção Honrosa no Prêmio BBB - Bioremediation, Biodiversity and Biovailability da editora Global Science Books, Sociedade Brasileira de Etnobiologia e Etnoecologia/Sociedad Latinoamericana de Etnobiología.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
FERNANDES, M. R.2011 FERNANDES, M. R.. A tree with much authority: the place of the buriti palm (Mauritia flexuosa l.f.) in the sertaneja culture of Terra Ronca, Goiás State, Central Brazil. Bioremediation, Biodiversity & Bioavailability, v. 5, p. 80-91, 2011.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
FERNANDES, M. R.; MARCELINO APURINA, F. S. (Org.) . Músicas da floresta - Xikari ithupakeri pupykary sãkire. 1. ed. Manaus: Editora da Universidade Federal do Amazonas, 2018.

Capítulos de livros publicados
1.
FERNANDES, M. R.. Nas veredas do sertão: a escolha do objeto de pesquisa. In: Reinaldo Duque-Brasil; Gustavo Taboada Soldati; Francisco José Bezerra Souto; Nelson Leal Alencar; Lin Chau Ming; France Maria Gontijo Coelho. (Org.). ?Quando pensa que não...? : contos, causos e crônicas em etnoecologia. 1ed.Viçosa: Grupo Etnooikos da Universidade Federal de Viçosa, 2012, v. 1, p. 189-192.

2.
FERNANDES, M. R. . O furo. In: Reinaldo Duque-Brasil; Gustavo Taboada Soldati; Francisco José Bezerra Souto; Nelson Leal Alencar; Lin Chau Ming; France Maria Gontijo Coelho. (Org.). ?Quando pensa que não...? : contos, causos e crônicas em etnoecologia. 1ed.Viçosa: Grupo Etnooikos da Universidade Federal de Viçosa, 2012, v. 1, p. 182-189.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
FERNANDES, M. R.. Conhecimentos etnoecológicos sobre o uso e manejo do buriti (Mauritia flexuosa Lnn.f.) em uma comunidade rural no município de São Domingos ? GO. In: IV ENANPPAS - Encontro Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ambiente e Sociedade: Mudanças ambientais globais: a contribuição da ANPPAS ao debate, 2008, Brasília. IV ENANPPAS - Encontro Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ambiente e Sociedade: Mudanças ambientais globais: a contribuição da ANPPAS ao debate, 2008.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
FERNANDES, M. R.. Como se forma um castanhal? Reflexões etnográficas sobre as florestas de castanhais no Médio rio Purus ? Amazonas. In: Seminário Histórias da Amazônia Ocidental - SHAO, 2018, Manaus. SHAO - Seminário Histórias da Amazônia Ocidental, 2018.

2.
FERNANDES, M. R.. Reflexões (inquietações) sobre uma reserva extrativista no sertão do Brasil Central - Terra Ronca, GO. In: IV Seminário Brasileiro de Áreas Protegidas e Inclusão Social, 2009, Belém. Áreas Protegidas e Inclusão Social. Rio de Janeiro: Rodrigo Medeiros; Hilton Pereira da Silva; Marta de Azevedo Irving, 2009. v. 4. p. 19-346.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
FERNANDES, M. R.. O lugar do buriti (Mauritia flexuosa Lnn. f.) na cultura sertaneja de Terra Ronca, GO. In: V Simposio Regional de Etnobiologia e Etnoecologia/Sudeste, 2010, Viçosa. Biodiversidade e saberes locais: como alcançar a terceira margem?. Viçosa: Etnooikos, 2010. v. 1. p. 1-85.

2.
FERNANDES, M. R.. O uso da literatura na pesquisa etnobotânica: o buriti (Mauritia flexuosa Lnn.f.) na poética do grande sertão de Guimarães Rosa. In: II Congresso Latinoamericano de Etnobiologia/VIII Simpósio Brasileiro de Etnobiologia e Etnoecologia/III Encontro Pernambucano de Etnobiologia e Etnoecologia, 2010, Recife. II Congresso Latinoamericano de Etnobiologia (II CLE), VIII Simpósio Brasileiro de Etnobiologia e Etnoecologia (VIII SBEE) e III Encontro Pernambucano de Etnobiologia e Etnoecologia (III EPEE), 2010.

3.
FERNANDES, M. R.. Refazendo o sertão: o lugar do buriti (Mauritua flexuosa Lnn. f.) na cultura sertaneja de Terra Ronca - GO. In: II Congresso Latinoamericano de Etnobiologia (II CLE), VIII Simpósio Brasileiro de Etnobiologia e Etnoecologia (VIII SBEE) e III Encontro Pernambucano de Etnobiologia e Etnoecologia (III EPEE), 2010, Recife. II Congresso Latinoamericano de Etnobiologia (II CLE), VIII Simpósio Brasileiro de Etnobiologia e Etnoecologia (VIII SBEE) e III Encontro Pernambucano de Etnobiologia e Etnoecologia (III EPEE), 2010.

Apresentações de Trabalho
1.
FERNANDES, M. R.. O Buriti Grande, ele existe! O 'buriti sensível' na poética de Guimarães Rosa, sertaneja e ameríndia. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
FERNANDES, M. R.. COMO SE FORMA UM CASTANHAL? Reflexões etnográficas sobre as florestas de castanhais no Médio rio Purus ? Amazonas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
FERNANDES, M. R.. Como se forma um castanhal? Reflexões etnográficas sobre as florestas de castanhais no Médio rio Purus ? Amazonas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
FERNANDES, M. R.. A Gênese de um castanhal: o extrativismo indígena e a constituição de paisagens/lugares no Médio rio Purus, Amazonas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
FERNANDES, M. R.. A memória inscrita na paisagem: o que dizem os índios?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
FERNANDES, M. R.. O lugar do buriti (Mauritia flexuosa lnn. f.) na cultura sertaneja de Terra Ronca, GO.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
FERNANDES, M. R.. Refazendo o sertão: o lugar do buriti (Mauritua flexuosa Lnn. f.) na cultura sertaneja de Terra Ronca - GO. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
FERNANDES, M. R.. O uso da literatura na pesquisa etnobotânica: o buriti (Mauritia flexuosa Lnn.f.) na poética do grande sertão de Guimarães Rosa. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
FERNANDES, M. R.. Reflexões sobre uma reserva extrativista no sertão do Brasil Central - Terra Ronca, GO.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
FERNANDES, M. R.. Conhecimentos etnoecológicos sobre o uso e manejo do buriti (Mauritia flexuosa L. f.) em uma comunidade rural no município de São Domingos - GO. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
FERNANDES, M. R.. Cine Fórum - Da obra de Darcy Ribeiro: O povo brasileiro - o Brasil Caboclo. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Produção artística/cultural
Artes Visuais
1.
FERNANDES, M. R.. Navegar nas águas de um espelho: os Paumari do rio Tapauá - AM. 2014. Fotografia.

2.
FERNANDES, M. R.. Navegar nas águas de um espelho: os Paumari do rio Tapauá - AM. 2014. Fotografia.



Bancas




Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
FERNANDES, M. R.; Silva, Romário Gurgel. Germinação e desenvolvimento de plantas jovens de buriti (Mauritia flexuosa L. f.) submetidas à inundação simulada. 2011. Universidade do Estado do Amazonas.

2.
JUNIOR, U. T. C. R; FERNANDES, M. R.. Diagnóstico da degradação ambiental do igarapé do Ingaiapua, Itacoatiara - AM. 2011. Universidade do Estado do Amazonas.

3.
GALVÃO, V. L.; FERNANDES, M. R.. Avaliação de impactos ambientais em comunidades de Itacoatiara - AM. 2011. Universidade do Estado do Amazonas.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
29 Reunião Brasileira de Antropologia. 2014. (Congresso).

2.
III Reunião Equatorial de Antropologia (REA); XII Reunião de Antropólogos do Norte e Nordeste (ABANNE) ? ?Diálogos Interculturais na Panamazônia?. 2011. (Encontro).

3.
II Congresso Latinoamericano de Etnobiologia/VIII Simpósio Brasileiro de Etnobiologia e Etnoecologia/III Encontro Pernambucano de Etnobiologia e Etnoecologia. Refazendo o sertão: o lugar do buriti (Mauritua flexuosa Lnn. f.) na cultura sertaneja de Terra Ronca - GO. 2010. (Congresso).

4.
V Simpósio Regional de Etnobiologia e Etnoecologia - Sudeste/I Encontro Mineiro de Etnobiologia e Etnoecologia.O lugar do buriti (Mauritua flexuosa Lnn. f.) na cultura sertaneja de Terra Ronca - GO. 2010. (Encontro).

5.
Mudanças ambientais globais: a contribuição da ANPPAS ao debate.Conhecimentos etnoecológicos sobre o uso e manejo do buriti (Mauritia flexuosa L. f.) em uma comunidade rural no município de São Domingos - GO. 2008. (Encontro).

6.
XV International Conference of the Society for Human Ecology. 2007. (Congresso).

7.
II Encontro Internacional de Agroecologia e Desenvolvimento Rural. 2005. (Encontro).

8.
Evento Comemorativo Águas e Florestas da Mata Atlântica. 2003. (Outra).

9.
FWEEC - First World Environmental Education Congress. 2003. (Congresso).

10.
Simpósio de Etnobiologia da Região Sul: Aspectos Humanos da Biodiversidade. 2003. (Simpósio).

11.
Conservação e uso da Biodiversidade. 2002. (Seminário).

12.
Encontro Intercultural "Povos do Vale do Ribeira: Paisagem e Cultura". 2001. (Encontro).

13.
Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação. 2000. (Congresso).

14.
Encontro de Educação Ambiental. 2000. (Encontro).

15.
Unidades de Conservação de Domínio Público e Uso Direto. 2000. (Seminário).

16.
1º Congresso Brasileiro de Conservação e Manejo da Biodiversidade. 1999. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
FERNANDES, M. R.. IV ENANPPAS - ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM AMBIENTE E SOCIEDADE. 2008. (Congresso).

2.
Araujo, N. S. ; FERNANDES, M. R. . III Encontro da Associação Nacional de Pós Graduação e Pesquisa em Ambiente e Sociedade (ANPPAS). 2006. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
FERNANDES, M. R.; MARCELINO APURINA, F. S. (Org.) . Músicas da floresta - Xikari ithupakeri pupykary sãkire. 1. ed. Manaus: Editora da Universidade Federal do Amazonas, 2018.

1.
FERNANDES, M. R.. Nas veredas do sertão: a escolha do objeto de pesquisa. In: Reinaldo Duque-Brasil; Gustavo Taboada Soldati; Francisco José Bezerra Souto; Nelson Leal Alencar; Lin Chau Ming; France Maria Gontijo Coelho. (Org.). ?Quando pensa que não...? : contos, causos e crônicas em etnoecologia. 1ed.Viçosa: Grupo Etnooikos da Universidade Federal de Viçosa, 2012, v. 1, p. 189-192.

2.
FERNANDES, M. R. . O furo. In: Reinaldo Duque-Brasil; Gustavo Taboada Soldati; Francisco José Bezerra Souto; Nelson Leal Alencar; Lin Chau Ming; France Maria Gontijo Coelho. (Org.). ?Quando pensa que não...? : contos, causos e crônicas em etnoecologia. 1ed.Viçosa: Grupo Etnooikos da Universidade Federal de Viçosa, 2012, v. 1, p. 182-189.


Apresentações de Trabalho
1.
FERNANDES, M. R.. A memória inscrita na paisagem: o que dizem os índios?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
FERNANDES, M. R.. A Gênese de um castanhal: o extrativismo indígena e a constituição de paisagens/lugares no Médio rio Purus, Amazonas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
FERNANDES, M. R.. O Buriti Grande, ele existe! O 'buriti sensível' na poética de Guimarães Rosa, sertaneja e ameríndia. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
FERNANDES, M. R.. COMO SE FORMA UM CASTANHAL? Reflexões etnográficas sobre as florestas de castanhais no Médio rio Purus ? Amazonas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
FERNANDES, M. R.. Como se forma um castanhal? Reflexões etnográficas sobre as florestas de castanhais no Médio rio Purus ? Amazonas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Artes Visuais
1.
FERNANDES, M. R.. Navegar nas águas de um espelho: os Paumari do rio Tapauá - AM. 2014. Fotografia.

1.
FERNANDES, M. R.. Navegar nas águas de um espelho: os Paumari do rio Tapauá - AM. 2014. Fotografia.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/12/2018 às 24:16:34