Felippe Cauê Serigati

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9030729423113008
  • Última atualização do currículo em 19/02/2018


Possui graduação em Ciências Econômicas pela Universidade Estadual de Campinas (2005), mestrado em Economia de Empresas pela Fundação Getulio Vargas - SP (2008) e doutorado em Economia de Empresas pela Fundação Getulio Vargas - SP (2013). Atualmente é professor da Fundação Getulio Vargas - SP e pesquisador da Fundação Getulio Vargas - SP. Tem experiência na área de Economia, com ênfase em Economia Agrária (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Felippe Cauê Serigati
Nome em citações bibliográficas
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE

Endereço


Endereço Profissional
Fundação Getulio Vargas - SP, Escola de Economia de São Paulo.
Rua Itapeva, 474, 10º andar
Bela Vista
01332-000 - Sao Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 37993608
URL da Homepage: http://www.eesp.fgv.br/


Formação acadêmica/titulação


2009 - 2013
Doutorado em Economia de Empresas.
Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.
Título: How to Indirectly Assess Transaction Costs to Evaluate Market Integration: Evidence from the International Ethanol Market, Ano de obtenção: 2013.
Orientador: Paulo Furquim de Azevedo.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: transaction costs; measurement; biofuels; threshold cointegration; market efficiency; price transmission.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.
2006 - 2008
Mestrado em Economia de Empresas.
Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.
Título: Fidelidade e governança corporativa em cooperativas: um estudo empírico com as cooperativas paulistas,Ano de Obtenção: 2008.
Orientador: Paulo Furquim de Azevedo.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Governança Corporativa; Cooperativas - Administração; Clientes - Fidelidade.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados Com Essas Atividades.
2001 - 2005
Graduação em Ciências Econômicas.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Título: Avaliação dos impactos da introdução dos benefícios previdenciários nas populações rurais e a situação atual do sistema.
Orientador: Prof. Dr. Antônio Márcio Buainain.
1997 - 1999
Curso técnico/profissionalizante em Técnico em Processamento de Dados.
Escola Técnica Estadual de São Paulo, ETESP, Brasil.




Formação Complementar


2009 - 2009
Tutoria - Orientação de TCC. (Carga horária: 120h).
Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.


Atuação Profissional



Fundação Getulio Vargas - SP, FGV-SP, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 2

Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Revista Agroanalysis - Colaborador, Carga horária: 2

Atividades

01/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Escola de Economia de São Paulo, .

Linhas de pesquisa
Macroeconomia da agricultura
01/2014 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Escola de Economia de São Paulo, .


Instituto de Estudos Econômicos e Internacionais, IEEI, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20


Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, SAA, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2009
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Assessor econômico, Carga horária: 40


General Shopping S/A, GENERAL SHOPPING, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor - Economia do Varejo


Universidade Anhembi Morumbi, UAM, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor temporário, Carga horária: 8
Outras informações
Displinas lecionadas: Matemática; Matemática financeira; Estatística.


Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2006
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador - Núcleo de Economia Agrícola NEA, Carga horária: 20



Linhas de pesquisa


1.
Macroeconomia da agricultura

Objetivo: Avaliar o impacto das políticas macroeconômicas sobre o retorno das atividades do agronegócio brasileiro; Qualificar a influências das variáveis macroeconômicas sobre a dinâmica dos mercados agropecuários..
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Palavras-chave: políticas macroeconômicas; mercados agrícolas; mercado de commodities.
2.
Avaliação de políticas agrícolas

Objetivo: Avaliar a eficácia e a eficiência dos instrumentos de política agrícola em execução no Brasil; Dimensionar o retorno socioeconômico das políticas públicas que afetam os produtores agropecuários..
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Palavras-chave: políticas públicas; política agrícola; avaliação; retorno socioeconômico.


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
Macroeconomia e Agronegócio
Descrição: Analisar a influência das variáveis macroeconômicas (PIB, inflação e mercado de trabalho), das políticas macroeconômicas (monetária, fiscal e cambial) e dos ciclos na dinâmica dos mercados agropecuários e no retorno financeiro das atividades do setor..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Felippe Cauê Serigati - Coordenador / Ângelo Costa Gurgel - Integrante / Cecília Fagan Costa - Integrante / Roberto Mario Perosa Jr. - Integrante / Roberta Cristina Possamai - Integrante.
2009 - 2015
Market Institutions and Competition in Bioenergy Markets
Descrição: The fast growing global bioenergy market and the circumstances surrounding its operation bring into question the production and commercialization of renewable products and how they should be regulated in the years to come. Institutional structures guiding economic transactions within chains of renewable energy production are vaguely defined and show conflict of interests between international participants. We propose to analyze the institutions for the emerging global market of bioenergy products, in particular the capability of those institutions to encompass the production of a broader range of third world countries, and to provide reliability to energy consumers. Bioenergy markets distinguish from traditional ones since the majority of their products are credence goods, i.e., they must carry the information of environment sustainability, which drives the demand for bioenergy products. As a consequence, international coordination is required in order to establish international standards and to build institutional arrangements to transact information about the credence aspects of those products, both oriented to the reduction of transaction costs in this emerging market. The main goal of this research is to understand how institutions of international bioenergy markets will develop in the next years, and what will be the most relevant impacts on the competitiveness and production sustainability in third world countries, particularly in Latin America and Africa. By creating enhanced knowledge base about the factors involved in the development of bioenergy market institutions we expect to support public policies oriented to the sustainable development of third world countries, as well as to stabilize the geopolitics tensions derived from the regional concentration of oil based energy..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado profissional: (4) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Felippe Cauê Serigati - Integrante / Bruno Benzaquen Perosa - Integrante / Paulo Furquim de Azevedo - Coordenador / Pery Francisco Assis Shikida - Integrante / Mário Antônio Margarido - Integrante / Arthur Solowiejczyk - Integrante.
2009 - 2013
Internacional Bioenergy Market: Assessing Institutional Structures
Descrição: The fast growing global bioenergy market and the circumstances surrounding its operation bring into question the production and commercialization of renewable products and how they should be regulated in the years to come. Institutional structures guiding economic transactions within chains of renewable energy production are vaguely defined and show conflict of interests between Brazilian and foreign groups. We propose to analyze institutional development in the Brazilian and global marketplaces focusing on their impacts on competitiveness and sustainability of the Brazilian bioenergy chains. The conformity process established by these institutions deeply impacts the international competitiveness of the Brazilian ethanol and biodiesel. The main goal of this research is to contribute for the understanding of institutional development, in particular, of how they affect Brazil?s market leading position..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Felippe Cauê Serigati - Integrante / Bruno Benzaquen Perosa - Integrante / Paulo Furquim de Azevedo - Coordenador / Pery Francisco Assis Shikida - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2005 - 2007
Análise da Competitividade das Cadeias Agroindustriais Brasileiras: FRUTAS
Descrição: O projeto analisa a cadeia produtiva da fruticultura, o panorama nacional e o internacional, além de recomendações de políticas para o setor. Trabalho realizado em cooperação entre o IE/UNICAMP e a UFSCAR..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2014
Determinantes da Escolha de Estrutura de Governança e Contratos
Descrição: Analisar empiricamente os determinantes da escolha de estruturas de governança e de contratos. Os principais tópicos de pesquisa neste tema são: a) formas plurais e inseparabilidade de governança; b) efeitos do ambiente institucional; c) efeitos das dimensões das transações (especificidade de ativos, incerteza e frequencia), d) efeitos de normas informais e relações de confiança e e) cooperativas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (1) .
Integrantes: Felippe Cauê Serigati - Integrante / Davi Rogério de Moura Costa - Integrante / Paulo Furquim de Azevedo - Coordenador.


Projetos de extensão


2012 - Atual
Observatório do Plano de Agricultura de Baixa Emissão de Carbono
Descrição: O Observatório ABC é uma iniciativa voltada a engajar a sociedade no debate sobre a agricultura de baixo carbono. Coordenado pelo Centro de Estudo de Agronegócios da Fundação Getulio Vargas (GVAgro) e desenvolvido em parceria com o Centro de Estudos em Sustentabilidade da FGV (GVces), tem como foco a implementação do Plano Agricultura de Baixo Carbono (ABC), o qual é composto por um conjunto de ações voltadas a reduzir as emissões de gases de efeito estufa (GEE) na produção agropecuária, com metas estabelecidas até 2020 e parte da Política Nacional de Mudanças Climáticas e dos compromissos assumidos pelo Brasil na 15ª Conferência das Partes (COP-15), da Convenção do Clima..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Economias Agrária e dos Recursos Naturais/Especialidade: Economia Agrária.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Economia / Subárea: Economia Industrial/Especialidade: Organização Industrial e Estudos Industriais.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2018SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. ; POSSAMAI, R. C. . O endividamento chinês: o gigante está alavancado.. AGROANALYSIS (FGV), v. 38, p. 18-19, 2018.

2.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2018SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. ; POSSAMAI, R. C. . Mercado de trabalho: a recuperação não é lenta, mas de qualidade limitada.. AGROANALYSIS (FGV), v. 38, p. 16-18, 2018.

3.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . PEC do teto dos gastos: e agora? Como o agro poderá ser atingido?. Agroanalysis (FGV), v. 37, p. 18-19, 2017.

4.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. . Perspectivas para o agronegócio: 2017 deve ser melhor. Agroanalysis. Agroanalysis (FGV), v. 37, p. 20-22, 2017.

5.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. . Política cambial chinesa: e lá se vão mais de US$ 800 bilhões.. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 18-20, 2017.

6.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. ; POSSAMAI, R. C. . Taxa de câmbio: afinal, para onde vai o dólar?. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 19-22, 2017.

7.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. ; SEVERO, K. . Economia brasileira: otimismo, mas no fio da navalha.. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 22-24, 2017.

8.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. ; SEVERO, K. . Reformas: agenda interrompida?. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 16-17, 2017.

9.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; RODRIGUES, R. M. ; POSSAMAI, R. C. ; SEVERO, K. . Nova regra para o crédito agrícola: atenção: faça as contas!. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 18-21, 2017.

10.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. ; POSSAMAI, R. C. . PIB das atividades agropecuárias forte expansão, mas com transbordamentos limitados.. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 16-17, 2017.

11.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; JALBUT, B. ; SEVERO, K. ; POSSAMAI, R. C. . Combustíveis mais caros: ganhadores e perdedores.. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 16-18, 2017.

12.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. ; POSSAMAI, R. C. . Maior apetite pelo risco: bonança em meio à tempestade?. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 17-19, 2017.

13.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2017SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. ; POSSAMAI, R. C. . Economia brasileira: o ano de 2018 começa melhor do que o de 2017.. AGROANALYSIS (FGV), v. 37, p. 16-18, 2017.

14.
MIELNIK, OTAVIO2017MIELNIK, OTAVIO ; SERIGATI, FELIPPE ; GINER, CÉLINE . What Prospects for the Brazilian Ethanol Sector?. Eurochoices (Uckfield), v. 16, p. 37-42, 2017.

15.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Inflação brasileira: Alta, resistente e corrosiva.. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 16-18, 2016.

16.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Contas públicas: O grande abacaxi.. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 16-18, 2016.

17.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Taxa de juros nominais negativas: Como? Por quê?. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 19-20, 2016.

18.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Oportunidade na crise: a força da indústria de alimentos.. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 19-21, 2016.

19.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Economia pós-impeachment: o que pode e o que não pode mudar?. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 17-19, 2016.

20.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Mercado de trabalho: ninguém passará ileso.. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 16-19, 2016.

21.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Economia mundial: melhorando, mas com fragilidades.. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 18-20, 2016.

22.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Câmbio: como o dólar deve afetar os resultados do agro?. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 19-21, 2016.

23.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Crise dos bancos europeus: muito dinheiro e pouca rentabilidade.. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 18-20, 2016.

24.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2016SERIGATI, F. C.; SEVERO, K. . Eleição de Donald Trump: boa ou ruim para o agronegócio brasileiro?. Agroanalysis (FGV), v. 36, p. 15-16, 2016.

25.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Commodities em 2015: Voltando para a normalidade.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 15-16, 2015.

26.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Agronegócio: Boa opção de investidores?. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 15-16, 2015.

27.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Crise do setor sucroalcooleiro: A Petrobras ainda é a solução?. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 18-21, 2015.

28.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Recuperação econômica: A importância da confiança.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 19-22, 2015.

29.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Inflação brasileira: alta resistente.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 18-21, 2015.

30.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Mercado de trabalho no setor agropecuário: Falsa contradição.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 19-20, 2015.

31.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Economia chinesa crise? Não, ao menos por enquanto.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 17-19, 2015.

32.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Commodities agrícolas: A última peça do velho cenário.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 17-19, 2015.

33.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Planejamento agropecuário: Nova conjuntura, novos desafios.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 28-31, 2015.

34.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Parceria transpacífica: Rifando o futuro.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 17-18, 2015.

35.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2015SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Ajuste fiscal: O desafio do governo e a contribuição do agronegócio.. Agroanalysis (FGV), v. 35, p. 21-23, 2015.

36.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.. Cenários para 2014: Para onde o agronegócio deve olhar?. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 15-16, 2014.

37.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.. Mandatos de etanol dos EUA: Impacto sobre a agricultura brasileira.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 21-23, 2014.

38.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.. Rentabilidade do etanol: Petrobras: a vilã poderia ser a solução.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 25-28, 2014.

39.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Commodities agrícolas: Onde estamos no ciclo atual?. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-15, 2014.

40.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Economia chinesa: Novos sinais de desaceleração.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-14, 2014.

41.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Formação dos preços agrícolas: Fundamentos ou atividade especulativa?. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-15, 2014.

42.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Mercados emergentes: Por que do mau humor dos investidores?. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-14, 2014.

43.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . PIB no interior: Modificações na sua composição.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-15, 2014.

44.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Plano Real: A inflação vinte anos depois.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-14, 2014.

45.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Preços: Inflação de Demanda.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-15, 2014.

46.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . justes da política econômica: Agronegócio será pouco afetado.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 13-14, 2014.

47.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Balança comercial: O colchão do agronegócio.. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 15-17, 2014.

48.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2014SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Economia brasileira: Por que não crescemos em 2014?. Agroanalysis (FGV), v. 34, p. 15-16, 2014.

49.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.; AZEVEDO, P. F. . Comprometimento, características da cooperativa e desempenho financeiro: uma análise em painel com as cooperativas agrícolas paulistas. Revista de Administração (FEA-USP), v. 48, p. 222-238, 2013.

50.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Análise econômica: A macroeconomia da agricultura.. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 15-16, 2013.

51.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Economia: A agricultura puxa o PIB?. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 13-14, 2013.

52.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Democratas x republicanos: Bom para os emergentes?. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 14-15, 2013.

53.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Exportações do agronegócio: O colchão de segurança.. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 13-14, 2013.

54.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Inflação no Brasil: De onde veio? Para onde vai?. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 15-16, 2013.

55.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Macroeconomia: O agronegócio e o tripé.. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 13-15, 2013.

56.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. O fim da era dos excessos: Temporário não é permanente.. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 13-15, 2013.

57.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Preço das commodities: Eram picos históricos?. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 13-14, 2013.

58.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Recuperação da economia dos EUA: Vilã ou parceira?. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 23-24, 2013.

59.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2013SERIGATI, F. C.. Zona do Euro: Boas notícias.. Agroanalysis (FGV), v. 33, p. 13-14, 2013.

60.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Crise europeia: Quem vai pagar a maior parte da conta?. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 13-14, 2012.

61.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Economia chinesa: importante para não haver desaceleração mundial em 2012.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 13-14, 2012.

62.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Competitividade é a chave: o que podemos aprender com a crise europeia?. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 13-15, 2012.

63.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Tsunami monetário: o efeito do câmbio no resultado das exportações.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 13-14, 2012.

64.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. China: todos dependem dela.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 13-15, 2012.

65.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Brasil e Europa: balanço dos primeiros seis meses.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 13-14, 2012.

66.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Rio+20: não houve avanço.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 23-23, 2012.

67.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Preços agrícolas: fundamentos x mercados financeiros.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 15-16, 2012.

68.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Taxa de câmbio: no fundo, é uma decisão das urnas.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 15-15, 2012.

69.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Crise Europeia: os riscos da saída de algum(ns) membro(s).. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 14-14, 2012.

70.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Economia mundial: Otimismo nos preços agrícolas.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 14-15, 2012.

71.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Economia mundial: China e o novo arranjo mundial.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 14-15, 2012.

72.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2012SERIGATI, F. C.. Economia em 2013: Semelhante a 2012, porém mais estável.. Agroanalysis (FGV), v. 32, p. 13-14, 2012.

73.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2011SERIGATI, F. C.. Crise europeia: qual o impacto para o agricultor brasileiro?. Agroanalysis (FGV), v. 31, p. 14-15, 2011.

74.
SOLOWIEJCZYK, A.2010SOLOWIEJCZYK, A. ; AZEVEDO, P. F. ; SERIGATI, F. C. . Para onde vai o etanol brasileiro?. Agroanalysis (FGV), v. 30, p. 25-27, 2010.

75.
SERIGATI, F. C.;SERIGATI, FELIPPE2009SERIGATI, F. C.; CORREA, L. B. ; PEROSA, B. B. . O sucesso do carro flex no Brasil.. Agroanalysis (FGV), v. 29, p. 14-15, 2009.

76.
COSTA, D. R. M.2008COSTA, D. R. M. ; SERIGATI, F. C. . Cooperativas: Momento de Oportunidades.. Agroanalysis (FGV), v. 28, p. 48-48, 2008.

77.
COSTA, D. R. M.2008COSTA, D. R. M. ; SERIGATI, F. C. . China: Oportunidade para as Cooperativas.. Agroanalysis (FGV), v. 28, p. 45-45, 2008.

78.
COSTA, D. R. M.2008COSTA, D. R. M. ; SERIGATI, F. C. . Cooperativa de Citricultores.. Agroanalysis (FGV), v. 28, p. 15-15, 2008.

79.
COSTA, D. R. M.2008COSTA, D. R. M. ; SERIGATI, F. C. . De Olho no Futuro.. Agroanalysis (FGV), v. 28, p. 48-48, 2008.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
BUAINAIN, A. M. ; SOUZA FILHO, H. M. ; SERIGATI, F. C. ; CALIXTO, L. L. . Organização e funcionamento do mercado de fumo no sul do Brasil. Campinas: Editora da Unicamp, 2009. v. 1. 238p .

Capítulos de livros publicados
1.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Ciclos de Kondratieff e o agronegócio brasileiro: a importância da conjuntura externa para o crescimento do setor entre 2000 e 2015. In: José Eustáquio Ribeiro Vieira Filho; José Garcia Gasques. (Org.). Agricultura, Transformação Produtiva e Sustentabilidade. 01ed.Brasília: IPEA, 2016, v. 01, p. 251-278.

2.
GURGEL, A. C. ; SERIGATI, F. C. . O agronegócio pode contribuir para o desenvolvimento industrial brasileiro?. In: Nelson Barbosa; Nelson Marconi; Mauricio Canêdo Pinheiro; Laura Carvalho. (Org.). Indústria e desenvolvimento produtivo no Brasil. 1eded.Rio de Janeiro: Elsevier, 2015, v. , p. 587-615.

3.
CENCI, E. ; GURGEL, A. C. ; SERIGATI, F. C. . Agronegócio e crédito agrícola.. In: Clovis de Faro. (Org.). Administração bancária: uma visão aplicada. 1eded.Rio de Janeiro: Editora FGV, 2014, v. , p. 441-473.

4.
AIDAR, A. C. K. ; SERIGATI, F. C. . The influence of petrol price controls on hydrous ethanol prices in Brazil (Box3.2). In: OECD-FAO. (Org.). OECD-FAO Agricultural Outlook 2014-2023. 1eded.: , 2014, v. , p. 114-116.

5.
MARGARIDO, M. A. ; SERIGATI, F. C. ; PEROSA, B. B. . Preços Internacionais de Commodities e Taxa de Câmbio Real.. In: Márcio Holland; Yoshiaki Nakano. (Org.). Taxa de câmbio no Brasil : estudos de uma perspectiva do desenvolvimento econômico. 1eded.Rio de Janeiro: Elsevier, 2011, v. , p. 203-232.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Meio ambiente entra na disputa por verba. O Estado de S.Paulo, p. H8 - H8, 02 out. 2014.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SERIGATI, F. C.; AZEVEDO, L. F. ; POSSAMAI, R. C. . Hábitos alimentares no setor de carnes. In: 54º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural, 2016, Maceió/AL. 54º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural: Desenvolvimento, território e biodiversidade, 2016.

2.
SERIGATI, F. C.; RODRIGUES, R. M. . O agronegócio chinês: até que ponto o agronegócio brasileiro é complementar?. In: 54º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural, 2016, Maceió/AL. 54º Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural: Desenvolvimento, território e biodiversidade, 2016.

3.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Ciclos de Kondratieff e o agronegócio brasileiro: Desempenho na última década e as perspectivas para a próxima.. In: 53o Congresso da Sober, 2015, João Pessoa. Anais do 53o Congresso da Sober, 2015. v. 1. p. 1-20.

4.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . A eficiência dos instrumentos de política agrícola brasileira: Uma avaliação por meio de um modelo de equilíbrio parcial.. In: 53o Congresso da Sober, 2015, João Pessoa. Anais do 53o Congresso da Sober, 2015. v. 1. p. 15-20.

5.
SERIGATI, F. C.; AZEVEDO, P. F. . How to Indirectly Measure Market Transaction Costs. In: 18th annual ISNIE Conference, 2014, Durham, NC. 18th annual ISNIE Conference, 2014. v. 1. p. 1-35.

6.
SERIGATI, F. C.; AZEVEDO, P. F. . How to Indirectly Measure Market Transaction Costs.. In: XLII Encontro Nacional de Economia, 2014, Natal-RN. Anais do XLII Encontro Nacional de Economia, 2014. v. 1. p. 1-20.

7.
SERIGATI, F. C.; AZEVEDO, P. F. ; MARGARIDO, M. A. . How integrated are the main markets of ethanol?. In: 50o Congresso da Sober, 2012, Vitória-ES. Anais do 50o Congresso da Sober, 2012. v. 1. p. 20-39.

8.
SERIGATI, F. C.; AZEVEDO, P. F. ; MARGARIDO, M. A. . How integrated are the main markets of ethanol. In: XL Encontro Nacional de Economia, 2012, Recife-PE. Anais do XL Encontro Nacional de Economia, 2012. v. 1. p. 1-20.

9.
SHIKIDA, P. F. A. ; AZEVEDO, P. F. ; PEROSA, B. B. ; SERIGATI, F. C. . Álcool combustível no Brasil e path dependence. In: XLVIII Congresso da Sober, 2010, Campo Grande-MS. Anais do XLVIII Congresso da Sober, 2010.

10.
SERIGATI, F. C.; CORREA, L. B. ; PEROSA, B. B. . Impacto dos veículos flex-fuel sobre o mercado de combustíveis no Brasil. In: XLVIII Congresso da Sober, 2010, Campo Grande-MS. Anais do XLVIII Congresso da Sober, 2010.

11.
PEROSA, B. B. ; SHIKIDA, P. F. A. ; SERIGATI, F. C. ; CAVALARI, M. G. . Padrões e certificações socioambientais no mercado internacional de bioenergia: uma abordagem teórica. In: XLVII Congresso da Sober, 2010, Campo Grande-MS. Anais do XLVIII Congresso da Sober, 2010.

12.
MARGARIDO, M. A. ; SERIGATI, F. C. . Transmissão espacial de preços, co-integração assimétrica e definição do mercado geográfico relevante: uma aplicação de modelos de séries temporais no mercado internacional do grão de soja. In: XLVIII Congresso da Sober, 2010, Campo Grande-MS. Anais do XLVIII Congresso da Sober, 2010.

13.
MARGARIDO, M. A. ; SERIGATI, F. C. ; PEROSA, B. B. . Análise do mecanismo de transmissão dos preços internacionais de commodities agrícolas sobre o comportamento da taxa de câmbio real no Brasil: uma aplicação de modelos de séries temporais. In: VIII Ciclo de debates em Economia Industrial, Trabalho e Tecnologia, 2010, São Paulo-SP. Anais do VIII Ciclo de debates em Economia Industrial, Trabalho e Tecnologia, 2010.

14.
MARGARIDO, M. A. ; SERIGATI, F. C. ; PEROSA, B. B. . Análise do Mecanismo de Transmissão dos Preços Internacionais de Commodities Agrícolas sobre a Taxa de Câmbio Real no Brasil: uma aplicação de modelos de séries temporais. In: Seminário Economia Brasileira em Perspectiva: 'Taxa de Câmbio e a Economia Brasileira', 2010, São Paulo-SP. Seminário Economia Brasileira em Perspectiva: 'Taxa de Câmbio e a Economia Brasileira', 2010. v. 1. p. 1-20.

15.
SERIGATI, F. C.; AZEVEDO, P. F. ; ORELLANO, V. I. F. . Fidelidade e governança corporativa em cooperativas: um estudo empírico com as cooperativas paulistas. In: XLVII Congresso da Sober, 2009, Porto Alegre-RS. Anais do XLVII Congresso da Sober, 2009. p. 1-20.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
AZEVEDO, P. F. ; MARGARIDO, M. A. ; SERIGATI, F. C. ; SOLOWIEJCZYK, A. . as information been an obstacle for the development of the biofuel international market?. In: 1st Brazilian BioEnergy Science and Technology Conference, 2011, Campos de Jordão-SP. Anais do 1st Brazilian BioEnergy Science and Technology Conference, 2011. v. 1. p. 1-2.

Artigos aceitos para publicação
1.
AZEVEDO, P. F. ; SERIGATI, F. C. . Preços Administrados e Discricionariedade do Executivo.. Revista de Economia Política (Impresso), 2015.

Apresentações de Trabalho
1.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . As economias mundial e brasileira estão voltando aos trilhos?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. C. . Por onde anda a economia mundial e o Brasil?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
SERIGATI, F. C.. Qual é a influência do dólar no resultado da atividade agrícola? 2015 (Periódico não indexado - Coopercitrus Revista Agropecuária, v. 29, n. 349).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Metodologia para incorporar os impactos do PNAE sobre a agricultura familiar. 2015.

2.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Modelos para análise de custo-benefício de programas sociais. 2015.

3.
SERIGATI, F. C.; POSSAMAI, R. . Radiografia das interações entre o PNAE e a agricultura familiar.. 2015.

4.
PEROSA JR., R. M. ; SERIGATI, F. C. ; AIDAR, M. K. ; THORSTENSEN, V. ; SOUZA, A. R. P. . Avaliação dos impactos de potenciais mudanças na agricultura dos Estados Unidos sobre a agricultura brasileira. 2014.

5.
VASCONCELLOS, L. F. R. ; PEROSA JR., R. M. ; SERIGATI, F. C. ; PIRES, J. O. . Comparative analysis of the reports: Rapeseed based Biodiesel ? The main EU biofuel. 2014.

6.
PEROSA JR., R. M. ; GURGEL, A. C. ; SERIGATI, F. C. ; MIELNIK, O. . Avaliação dos impactos de potenciais mudanças na agricultura dos Estados Unidos sobre a agricultura brasileira. 2014.

7.
ROCHA, F. C. ; MONZONI, M. ; MARTINS, S. C. ; GURGEL, A. C. ; COSTA, C. F. ; SERIGATI, F. C. . Agricultura de Baixa Emissão de Carbono: Financiando a Transição. 2013.

8.
PRADO JUNIOR, S. T. ; ASSAD, E. D. ; GURGEL, A. C. ; COSTA, C. F. ; SERIGATI, F. C. . Agricultura de Baixa Emissão de Carbono: Quem Cumpre as Decisões. 2013.

9.
ASSAD, E. D. ; MARTINS, S. C. ; GURGEL, A. C. ; COSTA, C. F. ; SERIGATI, F. C. . Agricultura de Baixa Emissão de Carbono: A Evolução de Novo um Paradigma. 2013.

10.
VASCONCELLOS, L. F. R. ; PEROSA JR., R. M. ; SERIGATI, F. C. ; PIRES, J. O. . Biofuel supply chains, agricultural markets and price volatility ? evidence for key producing countries. 2013.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
SERIGATI, F. C.. Como o mercado está reagindo ao Trump?. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
SERIGATI, F. C.. China: agro do Brasil não precisa entrar em pânico. 2016. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

3.
SERIGATI, F. C.. PIB: ?Agropecuária está na contramão da economia?. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
SERIGATI, F. C.. A nova realidade da economia brasileira no governo de Michel Temer. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
SERIGATI, F. C.. PIB da agropecuária recua no primeiro trimestre. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

6.
SERIGATI, F. C.. Mercado de trabalho terá recuperação lenta. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

7.
SERIGATI, F. C.. PIB da agropecuária deve crescer 3,6% em 2017. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

8.
SERIGATI, F. C.. Alta de juros EUA é esperada para fim de 2015. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

9.
SERIGATI, F. C.. China preocupa mercado e no BR inflação é a mais alta desde 2003. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

10.
SERIGATI, F. C.. Mercado de trabalho: Cresce número de demissões na agropecuária. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

11.
SERIGATI, F. C.. Demanda da China deve se manter mesmo com reforma cambial. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

12.
SERIGATI, F. C.. China virou risco ao agronegócio brasileiro?. 2015. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

13.
SERIGATI, F. C.. Máquinas: mercado discorda de iniciativa do Banco do Brasil. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

14.
SERIGATI, F. C.. Crise: dólar pode chegar a R$ 5,30. 2015. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

15.
SERIGATI, F. C.. Falta pouco para o dólar romper R$ 4,00. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

16.
SERIGATI, F. C.. 'É hora de o produtor colocar dinheiro no bolso', diz economista. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

17.
SERIGATI, F. C.. Alta do dólar impulsiona venda de milho para outros países. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

18.
SERIGATI, F. C.. Alta do dólar impulsiona exportação de milho. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

19.
SERIGATI, F. C.. Exportações de milho crescem 15% no acumulado do ano. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

20.
SERIGATI, F. C.. Eleição na Argentina vai mexer com o mercado da soja. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

21.
SERIGATI, F. C.. Concorrência à vista: nova política na Argentina. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

22.
SERIGATI, F. C.. Canal Rural: Inflação alta pode elevar custos ao produtor. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

23.
SERIGATI, F. C.. Força do agronegócio, dentro da porteira. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
GURGEL, A. C. ; COSTA, C. F. ; ASSAD, E. D. ; SERIGATI, F. C. ; MONZONI, M. ; PRADO JUNIOR, S. T. ; MARTINS, S. C. . Observatório da Agricultura de Baixa Emissão de Carbono (Observatório ABC). 2013; Tema: Website do Observatório do Plano de Agricultura de Baixa Emissão de Carbono (Plano ABC). (Site).


Demais tipos de produção técnica
1.
BUAINAIN, A. M. ; SERIGATI, F. C. . Perfil socioeconômico da população de Eirunepé - Amazonas. 2005.. 2005. (Relatório de Pesquisa).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/12/2018 às 4:43:52