Rodrigo Lima Massara

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2361576691365978
  • Última atualização do currículo em 09/01/2019


Atualmente é bolsista PNPD no Programa de Pós-Graduação em Ecologia, Conservação e Manejo da Vida Silveste da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG - Bolsista CAPES). É Doutor em Ecologia pela UFMG (Bolsista CNPq), com um período sanduíche (18 meses) na Colorado State University (Bolsista CAPES). É mestre em Zoologia dos Vertebrados pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas) e graduado em Ciências Biológicas com Ênfase em Gestão Ambiental pela mesma instituição. É também membro do grupo de pesquisa em Conservação, Ecologia e Comportamento Animal da PUC Minas, membro do grupo de pesquisa em Ecologia e Conservação da USP (Ribeirão Preto), e é Sócio-Fundador do Instituto SerraDiCal de Pesquisa e Conservação. Tem experiência em ecologia de mamíferos, atuando principalmente na área de ecologia e conservação dos carnívoros neotropicais. Possui ainda prêmios diversos de destaque acadêmico ao longo do curso de graduação e uma medalha de honra ao mérito cedida pela PUC Minas pelo excelente desempenho durante o curso. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Rodrigo Lima Massara
Nome em citações bibliográficas
MASSARA, R.L.;MASSARA, RODRIGO LIMA;MASSARA, R. L.;MASSARA, RL;MASSARA, RODRIGO L.;L. MASSARA, RODRIGO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Minas Gerais, Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Biologia Geral.
Universidade Federal de Minas Gerais
Pampulha
31270901 - Belo Horizonte, MG - Brasil


Formação acadêmica/titulação


2012 - 2016
Doutorado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
com período sanduíche em Colorado State University (Orientador: Paul F. Doherty Jr. and Larissa L. Bailey).
Título: Abundância, uso do habitat e interações ecológicas da jaguatirica em áreas protegidas da Mata Atlântica, Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Adriano Garcia Chiarello.
Coorientador: Larissa Lynn Bailey; Paul Francis Doherty Jr..
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2007 - 2009
Mestrado em Zoologia de Vertebrados.
Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC Minas, Brasil.
Título: Dieta, uso do habitat e endoparasitas fecais do lobo-guará na Serra da Calçada, região metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Adriano Garcia Chiarello.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Chrysocyon brachyurus; Dieta; Parasitologia; Ecologia; Análise Espacial.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia Aplicada.
2001 - 2005
Graduação em Ciências Biológicas Ênfase Em Gestão Ambiental.
Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC Minas, Brasil.
Título: Estudo do perfil da resposta imune de indivíduos portadores de infecção crônica recente pelo Trypanosoma cruzi.
Orientador: Renato Sathler Avelar.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Pós-doutorado


2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Conservação das Espécies Animais.
2016 - 2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada / Especialidade: Conservação das espécies de mamíferos.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Modelagem espacial.


Formação Complementar


2017 - 2017
Occupancy models - different approaches. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2014 - 2014
Extensão universitária em Sampling and Analysis of Vertebrate Populations. (Carga horária: 120h).
Colorado State University, CSU, Estados Unidos.
2012 - 2012
AIC Model selection and multimodel inference. (Carga horária: 40h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2012 - 2012
Program Mark. (Carga horária: 40h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2008 - 2008
Introdução ao Geoprocessamento. (Carga horária: 30h).
Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC Minas, Brasil.
2005 - 2005
English as a Second Language. (Carga horária: 240h).
Vancouver Aquarium, VA, Canadá.
2005 - 2005
English Language Study. (Carga horária: 220h).
International Language Schools Of Canada, ILSC, Canadá.
2004 - 2004
Programa de Inglês Avançado. (Carga horária: 200h).
Yázigi Internexus, YI, Brasil.
2003 - 2003
Open Water Diver. (Carga horária: 20h).
Escola de Mergulho Bertuol, BERTUOL, Brasil.
2002 - 2002
Word 97 Excel 97 e Power Point 97. (Carga horária: 36h).
Speed Way Informática, SWI, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: PNPD, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Ciências Biológicas, Departamento de Biologia Geral.

09/2018 - 09/2018
Ensino, Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia e Manejo da Vida Silvestre I (Curso de Campo para Mestrado); 4 créditos (60 horas)
08/2018 - 08/2018
Ensino, Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Modelando populações e comunidades em seus ecossistemas (45 horas; 3 créditos)
03/2018 - 07/2018
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia 1 (37.5 horas)
07/2017 - 07/2017
Ensino, Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia e Manejo da Vida Silvestre I (Curso de Campo para Mestrado); 4 créditos (60 horas)
05/2017 - 05/2017
Ensino, Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Modelagem ecológica e ambiental - 15 hrs (1 crédito)
03/2017 - 03/2017
Ensino, Ecologia, Conservacao e Manejo da Vida Silvestre, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Disciplina de Ecologia Quantitativa (BIG887/A - 15 hrs- 1 crédito).
03/2016 - 03/2016
Ensino, Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia Quantitativa - 15 horas (1 crédito)
7/2015 - 07/2015
Ensino, Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Occupancy estimation and modeling for ecological studies - 15 horas (1 crédito)

Amplo Engenharia e Gestão de Projetos LTDA, AMPLO, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: Consultoria, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 0


Holos Engenharia Sanitária e Ambiental LTDA, HOLOS, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Consultor, Enquadramento Funcional: Consultor


Nicho Engenheiros Consultores Ltda, NICHO, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Consultoria, Enquadramento Funcional: Autônomo, Carga horária: 0

Atividades

10/2005 - 10/2007
Conselhos, Comissões e Consultoria, Nicho Engenheiros Consultores Ltda, .

Cargo ou função
Consultor.

Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, PUC Minas, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Membro do grupo de pesquisa

Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Empregado, Enquadramento Funcional: Professor Assistente 1 de pós graduação IEC, Carga horária: 30
Outras informações
Professor da disciplina prática de campo do curso de Manejo de Animais Silvestres do IEC- PUC Minas 2011. O campo aconteceu do dia 12/11/2011 ao dia 15/11/2011.

Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Projetos de Pesquisa

Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20
Outras informações
Projetos de pesquisa

Vínculo institucional

2007 - 2009
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno bolsista, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Período empenhado para a defesa de minha diissertação de mestrado

Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 25
Outras informações
Trabalhando no Programa de Pós-graduação Mestrado em Zoologia dos Vertebrados/PUC-Minas

Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 7


Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Bolsista -Iniciação Científica, Enquadramento Funcional: Estudante de Iniciação Científica, Carga horária: 20


Companhia de Saneamento de Minas Gerais, COPASA, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20

Atividades

8/2002 - 8/2003
Estágios , Estadual, Dvml.

Estágio realizado
Estágio realizado na Divisão de Meio Ambiente e Licenciamento Ambiental.

Vancouver Aquarium, VA, Canadá.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 25

Atividades

9/2005 - 10/2005
Estágios , Vancouver Aquarium, .

Estágio realizado
Rescue and release of seals (Phoca vitulina richardsii).

Escola Politécnica de Minas Gerais, POLIMIG, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 5

Vínculo institucional

2003 - 2003
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 5

Atividades

8/2004 - 11/2004
Estágios , Particular, .

Estágio realizado
A valorização da fauna brasileira em nossa cultura.
8/2003 - 11/2003
Estágios , Particular, .

Estágio realizado
Conhecimento do espaço escolar e processo pedagógico.

Brandt Meio Ambiente, BRANTE MEIO AMBI, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2008
Vínculo: Consultoria, Enquadramento Funcional: Autônomo, Carga horária: 0

Atividades

6/2005 - 12/2008
Conselhos, Comissões e Consultoria, Brandt Meio Ambiente, .

Cargo ou função
Consultor.

Taxon Meio Ambiente, TAXON, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Consultor, Enquadramento Funcional: Consultor


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Membro do grupo de pesquisa


Colorado State University, CSU, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Pesquisador Colaborador, Enquadramento Funcional: Parceria em pesquisas

Atividades

01/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Department of Fish, Wildlife, and Conservation Biology, .

01/2014 - 06/2015
Estágios , Department of Fish, Wildlife, and Conservation Biology, .

Estágio realizado
Doutorado Sanduíche.

Universidade Estadual de Santa Cruz, UESC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador
Outras informações
Responsável pela disciplina CIB649 - Tópicos Especiais em Conservação de Biodiversidade II: Modelagem e estimativas de probabilidades de ocupação de espécies

Atividades

11/2016 - 11/2016
Ensino, Ecologia e Conservação da Biodiversidade, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
CIB649 - Tópicos Especiais em Conservação da Biodiversidade II: Modelagem e estimativas de probabilidades de ocupação de espécies - 45 horas (3 créditos)

Instituto SerraDiCal de Pesquisa e Conservação, ISDC, Brasil., ISDC, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Pesquisador Colaborador, Enquadramento Funcional: Sócio-Fundador


Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - 2018
Vínculo: Professor colaborador, Enquadramento Funcional: Professor colaborador em disciplinas, Carga horária: 30
Outras informações
Professor na disciplina ECL0068 - Inferências por multi-modelos probabilísticos em ecologia de populações e estimativas de ocupação

Atividades

10/2018 - 10/2018
Ensino, Ecologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
ECL0068 - Inferências por multi-modelos probabilísticos em ecologia de populações e estimativas de ocupação (30 horas; 2 créditos)


Linhas de pesquisa


1.
Factors influencing wildlife occupancy (and distribution) in Brazilian biomes
2.
A influência da fragmentação e perda de habitats na distribuição dos mamíferos de médio e grande porte nos biomas brasileiros


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Aspectos ecológicos do surto de febre amarela silvestre na população de macacos na região metropolitana de Belo Horizonte
Descrição: A perda e a fragmentação dos remanescentes florestais causados pelo homem são notariamente os principais responsáveis pela extinção de espécies em todo o mundo. Estes dois fatores estão também entre os maiores responsáveis por alterações nas dinâmica das doenças, como por um aumento na prevalência de doenças em espécies nativas. A perda e a fragmentação de habitats na região neotropical atinge diversos biomas, como o da Mata Atlântica. Por estarem isoladas nestes fragmentos de mata restantes, algumas populações de macacos estão vulneráveis à doenças, como aquelas que também atingem os humanos. Recentemente, iniciou-se um surto de febre amarela no Brasil, sendo os Estados de Minas Gerais e do Espírito Santo os mais afetados. Este surto vem causando uma alarmante mortandade de macacos em diversos fragmentos de mata restantes nestes estados. A presente proposta pretende contribuir para o conhecimento dos processos biológicos e ambientais que podem ter favorecido ou até mesmo condicionado o surgimento do surto de febre amarela nos estados de Minas Gerais e Espírito Santo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Larissa Lynn Bailey - Integrante / Betânia Paiva Drumond - Integrante / Fabrício Rodrigues dos Santos - Integrante / Giliane de Souza Trindade - Integrante / Sérgio Lucena Mendes - Integrante / Adriano Pereira Paglia - Coordenador.
2017 - Atual
Consistência técnica e eficiência dos diagnósticos de fauna no Licenciamento Ambiental
Descrição: A avaliação de impactos ambientais (AIA) é um instrumento amplamente difundido no mundo para controle e mitigação de impactos causados por atividades humanas. Entretanto, sua efetividade é bastante criticada no Brasil e no mundo. Muitas críticas se baseiam no afastamento entre teoria e prática. Abordagem puramente qualitativa, ausência de análises ecológicas e baixo rigor metodológico/estatístico dão a sensação de que a abordagem aplicada nos estudos da AIA é sempre mais rudimentar do que aquelas em periódicos ecológicos. Buscando estabelecer a conexão entre a abordagem da prática baseada em evidências e a realidade da avaliação de impactos, nos propomos a investigar a consistência técnica, a eficiência e a relevância decisória de diagnósticos de fauna que compõem licenciamentos ambientais. Como modelos serão utilizados diagnósticos de médios e grandes mamíferos no licenciamento de grandes empreendimentos minerários e hidroelétricos em Minas Gerais em comparação com diagnósticos realizados para fins de pesquisa acadêmica (controle). As principais perguntas a serem respondidas são: 1) Os diagnósticos de fauna no licenciamento ambiental tem consistência técnica adequada?; 2) São eficientes em detectar espécies?; e 3) Qual a relação entre a consistência técnica desses estudos e sua relevância decisória no processo de licenciamento ambiental? As principais hipóteses são de que os diagnósticos no licenciamento apresentam baixa consistência técnica e que sua capacidade de detectar espécies é negativamente influênciadas por falhas metodológicas. Apesar disso, esperamos aceitar também a hipótese de que as decisões no licenciamento são negligentemente tomadas, apoidas nesses estudos tecnicamente falhos. Esperamos que os diagnósticos de fauna sejam delineados visando menores custos e prazos em detrimento de sua qualidade e eficiência; e consequentemente, de sua capacidade de fomentar a tomada de decisão. Esperamos também que os resultados deste trabalho auxiliem no desenvolvimento de melhores práticas, inclusive subsidiando a criação de políticas públicas mais inteligentes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Adriano Pereira Paglia - Coordenador / Amanda M.S. Dias - Integrante.
2017 - Atual
Padrões de ocupação das espécies de mamíferos em uma área de ecótone no sudeste brasileiro
Descrição: As alterações da paisagem provenientes das ações humanas têm sido as principais causadoras de fragmentação e perda de habitats nativos. Este tipo de alteração na paisagem representa maior ameaça às espécies de animais que necessitam de áreas de vida mais extensas, como é o caso dos mamíferos de médio e grande porte. Neste estudo estamos investigando e explorando diferentes variáveis da paisagem que podem influenciar o uso do habitat (ou a probabilidade de ocorrência) por espécies de mamíferos de médio e grande porte no Monumento Natural Serra do Elefante e na Área de Proteção do Sistema Serra Azul, estado de Minas Gerais. Especificamente, estamos amostrando com armadilhas fotográficas, diferentes sítios sob diferentes graus de pertubação e avaliando aqueles que são mais (ou menos) usados pelos mamíferos. Esperamos encontrar uma correlação negativa e forte entre a ocorrência de mamíferos e os sítios de armadilhas fotográficas mais fortemente alterados por ações humanas (ex: agricultura, estrada, turismo, etc). Adicionalmente, iremos investigar o (s) tipo (s) de impacto (s) que mais influencia a ocorrência (ou a distribuição) das espécies de mamíferos nas áreas de estudo. Iremos utilizar a metodologia da probabilidade de ocupação de espécies em cojunto com a seleção de modelos para selecionar as hipóteses mais parcimoniosas, ou seja, aquelas mais prováveis de influenciar a distribuição dos mamíferos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Flávio Henrique Guimarães Rodrigues - Coordenador / Ana Flávia de Melo Mendes Carvalho - Integrante.
2017 - Atual
A influência da malaria viária em uma população de Tachyphonus rufus em uma área protegia de Mata Atlântica no nordestes brasileiro.
Descrição: Parasitas podem influenciar as populações de seus hospedeiros, afetando por exemplo, a sobrevivência e o comportamento. Entretanto, diferentes parasitas influenciam de forma distinta o hospedeiro e, portanto, a compreensão das interações parasita-hospedeiro requer estudos espécie-específicos. Haemosporidians do gênero Haemoproteus, que faz parte dos parasitos da malária viária, são diversos e considerados um parasita cosmopolita, infectando um alto número de espécies de passariformes. Estamos utilizando um protocolo de captura, marcação e recaptura, juntamente com uma modelagem robusta, para investigar se a infecção por Haemoproteus pode causar efeitos negativos (ex: sobrevivência e comportamento) em uma população de Tachyphonus rufus que habita uma área protegida de Mata Atlântica no nordeste do Brasil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (5) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Coordenador / Larissa Lynn Bailey - Integrante / Mauro Pichorim - Integrante / Patrícia A. Moreira - Integrante / Raquel A. Rodrigues - Integrante / Érika M. Braga - Integrante.
2017 - Atual
Efetividade das áreas protegidas para a conservação de mamíferos de médio e grande porte no Brasil
Descrição: As unidades de conservação (UC?s) foram criadas para proteger a biodiversidade e manter os recursos naturais em longo prazo. Para que uma UC seja efetiva, suas áreas devem ser livres de impactos, ou minimante impactadas se comparadas com as áreas externas. Entretanto, muitas UC?s estão sob fortes pressões econômicas para a instalação de grandes empreendimentos em áreas adjacentes e/ou apresentam conflitos socioambientais oriundos de coletas e caça predatórias, incêndios criminosos e outros fatores que podem comprometer a sua efetividade. Avaliar a efetividade das UC?s é essencial para garantir que todos os investimentos em áreas protegidas tragam um retorno positivo para a sociedade e para as espécies nativas. Desta forma, propomos uma nova abordagem, através de um diagnóstico da gestão de cada UC e da modelagem de distribuição dos impactos, concomitantemente com a modelagem da probabilidade de ocorrência das espécies de interesse, que pode fornecer informações importantes de como as ferramentas e as diretrizes adotadas pela gestão podem de fato contribuir para a conservação das espécies. Este estudo é uma tentativa de transformar informações muitas vezes subjetivas em métricas para avaliar como as espécies estão distribuídas na UC e quais os fatores influenciam a probabilidade de ocupação das mesmas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Adriano Pereira Paglia - Coordenador / Ludmila Hufnagel Regis Diniz Maia - Integrante.
2016 - 2018
A distribuição de turistas e seu potencial impacto sobre a mastofauna em uma Unidade de Conservação
Descrição: O ecoturismo, apesar de prezar pela sustentabilidade e preservação do ecossistema, pode resultar em impactos ambientais negativos se não for bem planejado. Em razão da heterogeneidade de atividades turísticas indicadas pelo plano de manejo, os turistas utilizam de maneira diversificada a área de uma Unidade de Conservação. Utilizamos armadilhas fotográficas e a modelagem da probabilidade de ocupação de espécies para identificar as variáveis correlacionadas com a frequência de uso e a distribuição de turistas na RPPN Santuário do Caraça (RPPNSC), Minas Gerais, Brasil. Em uma análise subsequente, avaliamos se a intensidade do uso destes turistas influenciou a distribuição das espécies de mamíferos de médio e grande porte nesta RPPN..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Larissa Lynn Bailey - Integrante / Adriano Pereira Paglia - Coordenador / Marcela de Frias Barreto - Integrante / Lucas Perillo - Integrante / Ludmila Hufnagel Regis Diniz Maia - Integrante.
2016 - Atual
Utilizando modelos de ocupação para investigar o uso de habitat pelo tatu-bola-da-caatinga e sua vulnerabilidade à caça ilegal
Descrição: O tatu-bola-da-caatinga (Tolypeutes tricinctus) é um símbolo do bioma Caatinga que está ameaçado de extinção devido à perda de habitat natural e à caça. No entanto, pouco se sabe sobre os fatores que influenciam o uso do habitat por esta espécie. Este projeto tem como objetivo avaliar o estado atual da população, assim como investigar variáveis ​​ambientais que influenciam a distribuição de T. tricinctus em áreas protegidas e desprotegidas do bioma Caatinga. Além disso, a influência da caça sobre a ocorrência da espécies será investigada, fornecendo informações essenciais para apoiar as decisões de conservação e manejo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Flávio Henrique Guimarães Rodrigues - Coordenador / Liana Mara Mendes de Sena - Integrante / Ubirajara Oliveira - Integrante / Mariana Labão Catapani - Integrante / João Araújo Leite - Integrante.
2015 - Atual
Biodiversidade e Conservação de mamíferos terrestres no atual cenário do Quadrilátero Ferrífero, Minas Gerais, Brasil
Descrição: O objetivo desta proposta é investigar quais os fatores ambientais ou feições dos habitats podem estar influenciando a probabilidade de ocupação (Ψ) ou neste caso, a ocorrência das espécies de mamíferos terrestres de médio e grande porte no QF, promovendo informações úteis para a conservação deste grupo nesta área de intensiva atividade antrópica (principalmente mineração). Adicionalmente, o presente estudo tem como objetivo, propor um plano de manejo para este grupo neste atual cenário, de modo que as ações antrópicas, principalmente as de mineração, sejam minimizadas e remediadas nas áreas de maior ocorrência e diversidade de mamíferos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2018
Influência antrópica sobre a probabilidade de ocupação de mamíferos carnívoros e as relações interespecíficas entre predadores e suas presas na Caatinga.
Descrição: A seleção de habitats, em geral, permite a coexistência entre as espécies, sendo este um importante fator que mantem a diversidade em uma comunidade. No entanto, a perda e modificação de habitats relacionadas direta ou indiretamente às atividades humanas representam uma grave ameaça às populações de mamíferos em todo o mundo. Na Caatinga a situação não é diferente. Este bioma semiárido, caracterizado pela baixa umidade durante a maior parte do ano, está submetido a altas taxas de impacto antropogênico, como a pecuária extensiva, caça, introdução de espécies exóticas e a contínua expansão de parques eólicos em áreas bem conservadas. Nesse contexto, os mamíferos carnívoros, que estão entre os animais mais vulneráveis a essas modificações da paisagem, estão consideravelmente ameaçados. O uso da terra também pode induzir adaptações comportamentais nas espécies nativas e isso pode ter implicações nas relações interespecíficas. Os predadores usam o espaço de uma maneira que maximize seu sucesso de forrageio, ocupando locais onde as presas são mais frequentes. Entretanto, pequenos carnívoros têm que lidar com demandas conflitantes entre ajustar suas atividades de acordo com a ocorrência de presas e evitar encontros agonísticos com predadores maiores. Neste estudo nós utilizamos armadilhas fotográficas para avaliar probabilidade de ocupação de carnívoros em relação às distâncias para povoados, parques eólicos e cursos de água em uma área prioritária para a conservação da biodiversidade na Caatinga. Do mesmo modo, exploramos como a ocorrência de cachorros domésticos, caçadores e o gado afetam a probabilidade de ocupação dos carnívoros nativos. Investigamos também se a ocorrência de presas e de competidores dominantes como a jaguatirica e predadores de topo (puma e onça-pintada), influenciam a distribuição, detecção e o padrões de atividade diária de dois pequenos felinos neotropicais, o gato pintado e o jaguarundi. Essas informações permitirão compreender como as diferentes espécies respondem aos múltiplos impactos antrópicos e como as interações interespecíficas ajudam a moldar a estrutura da comunidade de carnívoros em um ecossistema semiárido..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (3) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Flávio Henrique Guimarães Rodrigues - Coordenador / Douglas de Matos Dias - Integrante / Claudia Bueno de Campos - Integrante.
2014 - 2016
Uso do habitat pela anta (Tapirus terrestris, Linnaeus, 1758) em uma área de regeneração florestal no Bioma Amazônia
Descrição: A constante transformação das paisagens de vegetação nativa em áreas para monoculturas, pastagens e atividades extrativistas, vem reduzindo a cobertura de habitats naturais. A fragmentação é um processo que afeta todos os biomas brasileiros, sendo a Amazônia um dos mais afetados no cenário atual. A atividade mineradora trouxe graves consequências para este bioma, sendo a extração de bauxita, por exemplo, uma das principais causadoras dos impactos ambientais. Uma das estratégias de recuperação dessas áreas é o reflorestamento com espécies nativas. A interação entre a fauna e a vegetação é de fundamental importância dentro do processo de recuperação de áreas degradadas. A anta é o maior mamífero herbívoro neotropical e exerce um papel essencial nesse processo. O nosso objetivo foi investigar o uso de habitats pela espécie em uma Floresta Nacional na Amazônia, a qual é formada por áreas com diferentes estágios de regeneração de habitat degradado pela exploração de bauxita. A anta foi monitorada através de armadilhas fotográficas e de observações diretas e indiretas em transectos lineares. Testamos se o uso dos habitats em recuperação pela anta, assim como a probabilidade de detecção da espécie, poderiam ser explicados pela idade de reflorestamento dessas áreas, pela distância entre os corpos d?água mais próximos e pelo tamanho da área reflorestada..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Coordenador / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Mariana Pastori Lara - Integrante / Fabiano Rodrigues de Melo - Integrante.
2014 - 2016
Ocupação por anta (Tapirus terrestris, Linnaeus 1758) em uma área de transição Cerrado e Mata Atlântica no sudeste do Brasil
Descrição: A anta (Tapirus terrestris) possui ampla distribuição, abrangendo diferentes biomas, o que faz com que esteja presente em uma variedade de habitats. Entender como a espécie usa o ambiente é crucial para o desenvolvimento de estratégias de manejo e conservação, particularmente em zonas de contato entre biomas, onde habitats oriundos destes biomas se entrelaçam. O objetivo deste estudo foi identificar quais variáveis ambientais influenciam na ocupação da espécie na Reserva Particular do Patrimônio Natural Santuário do Caraça, situada em uma zona de transição entre Cerrado e Mata Atlântica. A coleta de registros da anta foi realizada por meio de armadilhas fotográficas e as estimativas das probabilidades de ocupação e detecção foram realizadas em função de seis variáveis ambientais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Coocorrência espacial e temporal de mamíferos de médio e grande porte do Cerrado ? competição interespecífica e predação
Descrição: Devido à importância dos grandes mamíferos para a cadeia trófica, o estudo deste grupo é importante para a compreensão do funcionamento de determinados ecossistemas e para a conservação da diversidade. Entender a influência da competição interespecífica em uma comunidade de carnívoros é um passo importante para compreensão da estrutura destas comunidades e para medidas de manejo e conservação das espécies. As relações predador-presa também demandam atenção para o entendimento da complexa estrutura de comunidades de grandes mamíferos, que tendem a ser influenciadas por atributos individuais, condições ambientais, assim como o status das populações envolvidas. Com o uso de armadilhas fotográficas e modelos que estimam a probabilidade de ocupação das espécies, iremos avaliar e selecionar as hipóteses mais prováveis de estruturar uma comunidade de mamíferos de médio e grande porte do Cerrado, explorando além de variáveis ambientais e biológicas, as interações espaciais e temporais entre os mamíferos potencialmente competidores, e entre estes e suas potenciais presas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (2) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Flávio Henrique Guimarães Rodrigues - Coordenador / Marcelo Juliano Rabelo Oliveira - Integrante / Guilherme Braga Ferreira - Integrante / Fernando Ferreira Pinho - Integrante / Marcell Coelho Soares - Integrante.
2010 - 2012
O cão-doméstico como espécie invasora na Floresta Atlântica: uma análise das unidades de conservação de Minas Gerais
Descrição: O objetivo do projeto é investigar se o cão-doméstico (Canis lupus familiaris) está se tornando uma espécie invasora na floresta Atlântica, analisando a demografia desta espécie no interior das áreas protegidas e identificando os fatores facilitadores da entrada da espécie nestes sistemas. Os resultados são importantes para confirmar se o problema da invasão pelo cão-doméstico está generalizado na Floresta Atlântica. Os resultados indicarão a necessidade ou não de ações de manejo visando o controle desta espécie e de como este manejo poderá ser feito da maneira mais eficiente possível..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (1) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveria Paschoal - Integrante / Adriano Garcia Chiarello - Coordenador / Julianna Letícia Santos - Integrante / André Hirsch - Integrante / Adriano Pereira Paglia - Integrante / Marcos Pezzi Guimarães - Integrante / Nelson Henrique de Almeida Curi - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
2008 - 2012
A liberação de mesopredadores e a introdução de cães-domésticos em unidades de conservação da Mata Atlântica
Descrição: O presente estudo tem como objetivo investigar a teoria da liberação do mesopredador, identificando quem são estes de fato na Mata Atlântica e a introdução de cães-domésticos neste Bioma. O estudo está sendo conduzido em três Parques Estaduais (Rio Doce, Sete Salões e Serra do Brigadeiro) e em três RPPNs (Feliciano Miguel Abdala, Mata do Sossego e Fazenda Macedônia), localizadas na região da zona da Mata de Minas Gerais. O estudo envolverá três abordagens complementares: 1) estimativa da abundância e densidade populacional das espécies passíveis de individualização (felinos pintados e cães domésticos), através do uso de armadilhas fotográficas; 2) área proporcional ocupada pelos mesopredadores e os cães-domésticos e 3) análise das variáveis de paisagem que irão mostrar onde as espécies de mesopredadores e os cães-domésticos possuem preferência de utilização. Os resultados são importantes para conhecer quais as espécies de mesopredadores estão se beneficiando da ausência dos predadores de topo (onça-parda e onça-pintada), em locais onde estes estão extintos ou não são residentes e quais os fatores estão auxiliando a entrada dos cães-domésticos em área de Mata Atlântica ...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (1) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Adriano Garcia Chiarello - Coordenador / Julianna Letícia Santos - Integrante / André Hirsch - Integrante / Adriano Pereira Paglia - Integrante / Marcos Pezzi Guimarães - Integrante / Nelson Henrique de Almeida Curi - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - Auxílio financeiro.
2006 - 2009
Impacto de mesopredadores na população de primatas de fragmentos de Mata Atlântica
Descrição: A Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Feliciano Miguel Abdala compreende um fragmento de Floresta Atlântica de 957 ha isolado por pastagens e culturas agrícolas, situação comum da Floresta Atlântica do sudeste Brasileiro. Entretanto, esta RPPN abriga uma das mais importantes populações do muriqui-do-norte, Brachyteles hypoxanthus, espécie listada como criticamente em perigo nas listas da IUCN (IUCN 2004) e do Brasil (Ministério do Meio Ambiente, 2003), além de outras espécies ameaçadas de mamíferos (sagui-taquara, Callithrix flaviceps) e de aves (macuco, Tinamus solitarius)(Veado, 2002). Atualmente o maior predador presente neste fragmento é a jaguatirica (Leopardus pardalis). Estudos anteriores indicam que primatas representam cerca de 20% da dieta deste felino, porcentagem esta muito superior a estudos conduzidos em áreas maiores ou de mata contínua. Não se sabe se esta alta porcentagem se deve a uma super-população de primatas na RPPN, ou, alternativametne, se as jaguatiricas, beneficiadas pela extinção local de potenciais predadores e competidores (onças pintadas e pardas, já extintas localmente), estão habitando o fragmento em alta densidade populacional, o que estaria acarretando aumento da competição por recursos alimentares e, consequentemente, a inclusão de presas normalmente não vitimadas por esta espécie de felino. Desta forma a presente proposta objetiva responder estas questões estimando a densidade e o tamanho populacional de jaguatiricas nesta RPPN simultaneamente ao estudo de sua dieta, comparando estes parâmetros com estudos já realizados em áreas mais extensas e não isoladas. Os resultados são importantes para a conservação, no longo prazo, das espécies ameaçadas de primatas ainda presentes na RPPN, indicando a necessidade ou não de manejo ou controle da população residente de jaguatiricas. ..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Adriano Garcia Chiarello - Coordenador / Julianna Letícia Santos - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundo de Incentivo à Pesquisa - Bolsa / Conservação Internacional - Cooperação / Fundação Biodiversitas - Cooperação.
2006 - 2009
Dieta, uso do habitat e endoparasitas fecais do lobo-guará na Serra da Calçada, região metropolitana de Belo Horizonte, Minas Gerais
Descrição: O projeto englobou o estudo da dieta do lobo no local, o estudo de endoparasitas encontrados nas fezes e análises espaciais. A área de estudo se encontra rodeada por impactos antrópicos, como por exemplo, a influência direta com a população humana (jipeiros, motoqueiros) e minerações. Este trabalho foi o primeiro a se realizar em área com tal grau de impacto.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Adriano Garcia Chiarello - Coordenador / Julianna Letícia Santos - Integrante / Marcos Pezzi Guimarães - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Fundo de Incentivo à Pesquisa - Bolsa / Universidade Federal de Minas Gerais - Cooperação.
2005 - 2005
Caracterização de cursos de água da fazenda da PUC/Minas e da comunidade da Macrofauna bentônica
Descrição: Este projeto teve como objetivo classificar os corpos de água da fazenda da PUC/Minas através da utilização de macroinvertebrados bentônicos. A coleta foi realizada através de uma rede em D, onde os animais foram capturados, fixados e triados em laboratório.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Victor Augusto Duarte Bergamaschi - Integrante / Henrique Paprocki - Coordenador / Gisele Olinto - Integrante.Financiador(es): Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Cooperação.
2004 - 2005
Estudo do perfil da resposta imune de indivíduos portadores da infecção recente pelo Trypanosoma cruzi
Descrição: Realizado pela metodologia de citometria de fluxo em crianças no Vale do Jequitinhonha, mais precisamente em escolares (crianças) da cidade de Berilo e José Gonçalves de Minas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Renato Sathler Avelar - Coordenador / Olindo Assis Martins Filho - Integrante / Silavana Maria Eloi Santos - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2004 - 2005
Determinação do efeito do tratamento específico sobre o estado imune e evolução da doença de chagas: ênfase no perfil fenotípico dos leucócitos do sangue periférico.
Descrição: A evolução da tripanossomíase americana ainda não se encontra bem estabelecida. Após a fase aguda, a infecção pelo Trypanosoma cruzi, passa por um longo período de latência, no qual o paciente não apresenta manifestações clínicas e o diagnóstico é feito somente pela positividade sorológica e/ou parasitológica. Este período é conhecido como forma indeterminada da doença de Chagas devido à sua imprevisibilidade evolutiva para as possíveis formas cardíaca ou digestiva. Diversos estudos que avaliam os mecanismos imunológicos associados à manifestação de diferentes formas clínicas da doença, têm sugerido eventos multifatorais e/ou a combinação de parâmetros imunológicos, dando suporte à hipótese de que mecanismos complexos estão envolvidos na indução e/ou regulação da patogenia chagásica. Embora o tratamento etiológico da doença de Chagas não seja recomendado durante a fase crônica da doença, linhas de pesquisas defendem que o emprego de medidas terapêuticas nesta fase, podem impedir ou reduzir os processos imunopatológicos associados à doença. Com o emprego de sistemas de análises mais elaborados e protocolos experimentais mais atuais, torna-se possível ainda a identificação e caracterização de novas subpopulações celulares, oferecendo assim, informações adicionais que podem enriquecer os conhecimentos acerca do efeito do tratamento específico sobre o estado imune e evolução da doença de Chagas. Nesse trabalho, será desenvolvido um estudo dos aspectos celulares e moleculares do sangue periférico de pacientes portadores da forma indeterminada da doença de Chagas A população estudada será constituída de pacientes provenientes do CTR-DIP ? UFMG e dos municípios de Berilo e José Gonçalves de Minas. Os pacientes, após confirmação sorológica e consentimento por escrito, serão submetidos a avaliações imunológicas por citometria de fluxo, antes e após o tratamento com benznidazol..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Renato Sathler Avelar - Integrante / Silvana Maria Elói Santos - Coordenador / Olindo Assis Martins Filho - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2004 - 2004
A Valorização da fauna Brasileira em nossa cultura
Descrição: O estágio foi realizado em duas unidades da escola Polimig, uma no bairro Calafate e outra no bairro Floresta, ambas em Belo Horizonte. Foram realizadas palestras relacionadas com a valorização da fauna brasileira em nossa cultura com o intuito de alertar, conscientizar e sensibilizar os alunos da importância de se preservar e valorar a biodiversidade brasileira. Nas palestras, além de informações referentes ao assunto já mencionado, foram expostas fotos de diversos animais integrantes da fauna brasileira para que os alunos pudessem conhecer os mesmos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Gisiela Lacerda dos Santos Gonçalves - Coordenador.Financiador(es): Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Cooperação.
2003 - 2004
Comunidade de mamíferos não voadores em fragmentos de mata atlântica no Parque Nacional da Serra do Cipó.
Descrição: Durante o projeto foram realizadas atividades de campo, como o monitoramento de comunidades de pequenos mamíferos (não voadores), que estão inseridos na região das Velozias Gigantes, em fragmentos de Mata Atlântica e no Campo Rupestre, localizados dentro dos limites do Parque Nacional da Serra do Cipó. Cada campanha realizada mensalmente, possuiu duração de quatro noites. Foi utilizada a metodologia de captura, marcação e recaptura (CMR) nos indivíduos das áreas de estudo. Cada exemplar capturado foi anilhado, teve as condições reprodutivas analisadas, as medidas morfométricas e o peso retirados. Em laboratório foram realizadas taxidermias e como complemento do projeto, foram lidas separatas de trabalhos relativos ao mesmo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Ana Maria de Oliveira Paschoal - Integrante / Edeltrudes Maria Valadares Calaça Câmara - Coordenador.Financiador(es): Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Cooperação.
2003 - 2003
Educação Ambiental como profilaxia no combate ao vetor, na região do bairro Bandeirinhas em Betim, Minas Gerais
Descrição: O projeto foi realizado, no bairro de Bandeirinhas, localizado no município de Betim, Minas Gerais, onde os possíveis córregos de instalação do caramujo Biomphalaria glabrata (vetor do Shistosoma mansoni) foram monitorados. Para confirmação da existência do ciclo da Esquistossomose na região, os caramujos foram analisados em laboratório quanto a presença de larvas de miracídio. Na presença destas, a confirmação da doença pôde ser comprovada. Um questionário foi realizado na comunidade local para que a equipe do projeto coletasse dados sobre casos da doença existentes, assim como o nível de informação e grau de saneamento básico encontrado no bairro. Feito as atividades, concluímos que a população necessita de informações sobre a esquistosomose, assim como uma melhoria no saneamento básico regional..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Said Cristina de Oliveira Esteves - Integrante / Victor Augusto Duarte Bergamaschi - Integrante / Alessandra Pereira Simonini Gomes - Coordenador / Ana Maria de Oliveira Paschosal - Integrante / George Campos Júnior - Integrante.Financiador(es): Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Cooperação / Centro de Controle de Zoonoses e Endemia - Cooperação.
2002 - 2003
- Soltura do tamanduá- de- colete na APA de Serra Azul (Juatuba).
Descrição: Foi feita a soltura do tamanduá-de-colete na Área de Proteção Ambiental de Serra Azul, mediante a confirmação da espécie no local através de estudos preliminares na área. A espécie foi confirmada na área, sendo que o animal foi solto no Bioma cerrado existente na APA. O Projeto foi uma parceria da COPASA-MG e o IBAMA, sendo que o último, encontrou o tamanduá em uma empresa de transporte, na cidade de Contagem, com um dos olhos machucados. Após a passagem pela Clínica veterinária do Ibama, veterinários da mesma, solicitou a COPASA-MG, com o intuito de soltar o espécime na APA de Serra Azul..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Paulo Emílio Guimarães - Coordenador.Financiador(es): Companhia de Saneamento de Minas Gerais - Cooperação / Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - Cooperação.
2002 - 2003
- Levantamento de mamíferos na área de preservação da COPASA em Juramento, próximo a Montes Claros
Descrição: O projeto foi uma parceria da COPASA-MG com o Museu de Ciências Naturais da Puc-Minas. Foi realizado um levantamento de pequenos mamíferos(Marsupiais e roedores) na área, com o intuito de fazer um levantamento dos mesmos na região.A metodologia utilizada, foi através de Transectos com respectivas armadilhas de arame galvanizado nos mesmos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Paulo Emílio Guimarães - Coordenador / Edeltrudes Câmara - Integrante.Financiador(es): Companhia de Saneamento de Minas Gerais - Matriz - Cooperação / Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Cooperação.


Projetos de extensão


2002 - 2003
- Projetos de Educação Ambiental em escolas e eventos
Descrição: O projeto, foi realizado nas escolas do norte de Minas, principalmente onde a COPASA possui seus reservatórios e suas respectivas Àreas de poteção. O objetivo foi conscientizar e consequentemente sensibilizar as criançcas da importância de se preservar o meio ambiente, dando ênfase para a água, fauna e flora local..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Paulo Emílio Guimarães - Coordenador.Financiador(es): Companhia de Saneamento de Minas Gerais - Matriz - Cooperação.
2002 - 2003
- Participação no projeto CACIF- Campanha de controle de incêndios florestais.
Descrição: É um projeto realizado principalmente na época da seca, nas cidades que a COPASA-MG possui reservatórios, com o intuito de diminuir os incêndios provocados durante essa época. A distribuição de panfletos informativos na beira de estradas para os motoristas, ajudou a diminuir bastante os incêndios, sendo que a colaboração dos mesmos foi de extrema importância. A COPASA-MG, contou com a colaboração da Polícia Rodoviária, que ajudou a parar os carros nas rodovias, para que os panfletos pudessesm ser distribuídos..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Paulo Emílio Guimarães - Coordenador.Financiador(es): Companhia de Saneamento de Minas Gerais - Matriz - Cooperação.
2002 - 2003
- Coleta e análise da água nos reservatórios da COPASA situados na região norte.
Descrição: Foi um projeto feito para diagnosticar a qualidade da água nos reservatórios na região Norte de Minas Gerais, sendo que a água era coletada e levada para o laboratório da COPASA-MG em Belo Horizonte, onde era analizada e caracterizada quanto sua qualidade..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Tales Heliodoro Viana - Coordenador / Said Cristina de Oliveira Esteves - Integrante.Financiador(es): Companhia de Saneamento de Minas Gerais - Matriz - Cooperação.
2002 - 2003
- Projeto de recuperação de matas ciliares nas áreas de proteção da COPASA
Descrição: É um convênio com o IEF (Instituto Estadual de Florestas), onde a COPASA utiliza mudas de árvores da Instituição e as plantam nas matas ciliares dos Reservatórios, com o intuito de presevar a vegetação e toda a biodiversidade local..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Paulo Emílio Guimarães - Coordenador.Financiador(es): Companhia de Saneamento de Minas Gerais - Matriz - Cooperação.


Outros Projetos


2005 - 2005
Rescue and release of seals (Phoca vitulina richardsii)
Descrição: Consistiu no resgate de focas que eram resgatadas nas proximidades de Vancouver, devido ao fato das mesmas serem atingidas por embarcações ou por produtos tóxicos. As focas eram libertadas após um período mínimo de 40 dias (quarentena)..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Rodrigo Lima Massara - Integrante / Noah O'Hara - Coordenador.Financiador(es): Vancouver Aquarium - Cooperação.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: PLoS One


Revisor de periódico


2015 - Atual
Periódico: Plos One
2016 - Atual
Periódico: Tropical Conservation Science
2017 - Atual
Periódico: Population Ecology
2017 - Atual
Periódico: Mammal Research
2017 - Atual
Periódico: ANIMAL BIODIVERSITY AND CONSERVATION
2017 - Atual
Periódico: JOURNAL OF MAMMALOGY
2018 - Atual
Periódico: JOURNAL OF APPLIED ECOLOGY (ONLINE)
2018 - Atual
Periódico: Ecology and Evolution


Revisor de projeto de fomento


2016 - 2016
Agência de fomento: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Modelagem ecológica.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Conservação das Espécies Animais.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Estudo populacional.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Estudo de comunidades.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Fragmentação e perda de habitats.
6.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Carnívoros.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2012
Primeiro lugar geral do Doutorado em Ecologia da UFMG- Bolsista integral CNPq, UFMG.
2007
Primeiro lugar geral do Mestrado em Zoologia de Vertebrados PUC-MG - Bolsista integral CNPq, PUC-Minas.
2005
Medalha de Honra ao Mérito, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.
2004
Destaque acadêmico geral do curso de Ciências Biológicas, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.
2003
Destaque Acadêmico do 5º Período de Ciências Biológicas, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais- Unidade Betim.
2003
Destaque Acadêmico geral do curso de Ciências Biológicas, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais- Unidade Betim.
2002
Destaque Acadêmico do 3º Período de Ciências Biológicas, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais- Unidade Betim.
2002
Destaque Acadêmico Geral do curso de Ciências Biológicas, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais- Unidade Betim.
2001
Destaque Acadêmico do 2º Período de Ciências Biológicas, Pontifícia Universidade católica de Minas Gerais- Unidade Betim.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:17
Total de citações:148
Fator H:6
Massara, Rodrigo L  Data: 09/01/2019

SCOPUS
Total de trabalhos:15
Total de citações:189
Massara, R.L.; H7  Data: 29/10/2018

Outras
Total de trabalhos:14
Total de citações:237
Rodrigo Lima Massara; H7  Data: 29/10/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
DIAS, D. M.2019DIAS, D. M. ; MASSARA, R. L. ; DE CAMPOS, C. B. ; RODRIGUES, F. H. G. . Feline predator-prey relationships in a semi-arid biome in Brazil. JOURNAL OF ZOOLOGY, v. 00, p. 1-11, 2019.

2.
L. MASSARA, RODRIGO2018 L. MASSARA, RODRIGO; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; L. BAILEY, LARISSA ; F. DOHERTY, PAUL ; HIRSCH, ANDRÉ ; G. CHIARELLO, ADRIANO . Factors influencing ocelot occupancy in Brazilian Atlantic Forest reserves. BIOTROPICA, v. 50, p. 125-134, 2018.

3.
MASSARA, RODRIGO LIMA2018MASSARA, RODRIGO LIMA; DE OLIVEIRA PASCHOAL, ANA MARIA ; BAILEY, LARISSA LYNN ; DOHERTY, PAUL FRANCIS ; DE FRIAS BARRETO, MARCELA ; CHIARELLO, ADRIANO GARCIA . Effect of humans and pumas on the temporal activity of ocelots in protected areas of Atlantic Forest. MAMMALIAN BIOLOGY, v. 92, p. 86-93, 2018.

4.
PASCHOAL, ANA M. O.2018PASCHOAL, ANA M. O. ; MASSARA, RODRIGO L. ; BAILEY, LARISSA L. ; DOHERTY, PAUL F. ; SANTOS, PALOMA M. ; PAGLIA, ADRIANO P. ; HIRSCH, ANDRÉ ; CHIARELLO, ADRIANO G. . Anthropogenic Disturbances Drive Domestic Dog Use of Atlantic Forest Protected Areas. Tropical Conservation Science, v. 11, p. 194008291878983, 2018.

5.
LIMA, FERNANDO2017LIMA, FERNANDO BECA, GABRIELLE MUYLAERT, RENATA L. JENKINS, CLINTON N. PERILLI, MIRIAM L. L. PASCHOAL, ANA MARIA O. MASSARA, RODRIGO L. PAGLIA, ADRIANO P. CHIARELLO, ADRIANO G. GRAIPEL, MAURÍCIO E. CHEREM, JORGE J. REGOLIN, ANDRÉ L. OLIVEIRA SANTOS, LUIZ GUSTAVO R. BROCARDO, CARLOS R. PAVIOLO, AGUSTÍN DI BITETTI, MARIO S. SCOSS, LEANDRO M. ROCHA, FABIANA L. FUSCO-COSTA, ROBERTO ROSA, CLARISSA A. DA SILVA, MARINA X. HUFNAGELL, LUDMILA SANTOS, PALOMA M. DUARTE, GABRIELA T. GUIMARÃES, LUIZA N. , et al.BAILEY, LARISSA L. RODRIGUES, FLÁVIO HENRIQUE G. CUNHA, HEITOR M. FANTACINI, FELIPE M. BATISTA, GRAZIELE O. BOGONI, JULIANO A. TORTATO, MARCO A. LUIZ, MICHELI R. PERONI, NIVALDO DE CASTILHO, PEDRO V. MACCARINI, THIAGO B. FILHO, VILMAR PICINATTO ANGELO, CARLOS DE CRUZ, PAULA QUIROGA, VERÓNICA IEZZI, MARÍA E. VARELA, DIEGO CAVALCANTI, SANDRA M. C. MARTENSEN, ALEXANDRE C. MAGGIORINI, ERICA V. KEESEN, FABÍOLA F. NUNES, ANDRÉ V. LESSA, GISELE M. CORDEIRO-ESTRELA, PEDRO BELTRÃO, MAYARA G. DE ALBUQUERQUE, ANNA CAROLINA F. INGBERMAN, BIANCA CASSANO, CAMILA R. JUNIOR, LAURY CULLEN RIBEIRO, MILTON C. GALETTI, MAURO ; ATLANTIC-CAMTRAPS: a dataset of medium and large terrestrial mammal communities in the Atlantic Forest of South America. ECOLOGY, v. 98, p. 2979-2979, 2017.

6.
CURI, N. H. A.2017CURI, N. H. A. ; PASCHOAL, A. M. O. ; MASSARA, R. L. ; Santos, H. A. ; GUIMARÃES, M. P. ; Passamani, M. ; CHIARELLO, A. G. . Risk factors for gastrointestinal parasite infections of dogs living around protected areas of the Atlantic Forest: implications for human and wildlife health. BRAZILIAN JOURNAL OF BIOLOGY, v. 77, p. 388-395, 2017.

7.
CURI, NELSON HENRIQUE DE ALMEIDA2016CURI, NELSON HENRIQUE DE ALMEIDA ; MASSARA, RODRIGO LIMA ; DE OLIVEIRA PASCHOAL, ANA MARIA ; SORIANO-ARAÚJO, AMANDA ; LOBATO, ZÉLIA INÊS PORTELA ; DEMÉTRIO, GUILHERME RAMOS ; CHIARELLO, ADRIANO GARCIA ; PASSAMANI, MARCELO . Prevalence and risk factors for viral exposure in rural dogs around protected areas of the Atlantic forest. BMC Veterinary Research, v. 12, p. 21, 2016.

8.
PASCHOAL, ANA MARIA O.2016 PASCHOAL, ANA MARIA O. ; MASSARA, RODRIGO L. ; BAILEY, LARISSA L. ; KENDALL, WILLIAM L. ; DOHERTY, PAUL F. ; HIRSCH, ANDRÉ ; CHIARELLO, ADRIANO G. ; PAGLIA, ADRIANO P. . Use of Atlantic Forest protected areas by free-ranging dogs: estimating abundance and persistence of use. Ecosphere, v. 7, p. e01480, 2016.

9.
MASSARA, RODRIGO L.2016 MASSARA, RODRIGO L.; PASCHOAL, ANA MARIA O. ; BAILEY, LARISSA L. ; DOHERTY, PAUL F. ; CHIARELLO, ADRIANO G. . Ecological interactions between ocelots and sympatric mesocarnivores in protected areas of the Atlantic Forest, southeastern Brazil. JOURNAL OF MAMMALOGY, v. 97, p. 1634-1644, 2016.

10.
MASSARA, R.L.;MASSARA, RODRIGO LIMA;MASSARA, R. L.;MASSARA, RL;MASSARA, RODRIGO L.;L. MASSARA, RODRIGO2015MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; CHIARELLO, A. G. . Gastrointestinal parasites of maned wolf (Chrysocyon brachyurus, Illiger 1815) in a suburban area in southeastern Brazil. BRAZILIAN JOURNAL OF BIOLOGY (ONLINE), v. 75, p. 643-649, 2015.

11.
MASSARA, RODRIGO LIMA2015 MASSARA, RODRIGO LIMA; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; DOHERTY, PAUL FRANCIS ; HIRSCH, ANDRÉ ; CHIARELLO, ADRIANO GARCIA . Ocelot Population Status in Protected Brazilian Atlantic Forest. Plos One, v. 10, p. e0141333, 2015.

12.
SANTOS, JL2014SANTOS, JL ; PASCHOAL, AMO ; MASSARA, RL ; CHIARELLO, AG . High consumption of primates by pumas and ocelots in a remnant of the Brazilian Atlantic Forest. Brazilian Journal of Biology (Impresso), v. 74, p. 632-641, 2014.

13.
CURI, N. H. A.2014CURI, N. H. A. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; Marcelino, A.P. ; Ribeiro, A.A. ; Passamani, M. ; Demétrio, G.R. ; CHIARELLO, A. G. . Factors Associated with the Seroprevalence of Leishmaniasis in Dogs Living around Atlantic Forest Fragments. Plos One, v. 9, p. e104003, 2014.

14.
MASSARA, R.L.;MASSARA, RODRIGO LIMA;MASSARA, R. L.;MASSARA, RL;MASSARA, RODRIGO L.;L. MASSARA, RODRIGO2012 MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; HIRSCH, A. ; CHIARELLO, A. G. . Diet and Habitat Use by Maned Wolf Outside Protected Areas in Eastern Brazil. Tropical Conservation Science, v. 5, p. 284-300, 2012.

15.
PASCHOAL, ANA MARIA O.2012PASCHOAL, ANA MARIA O. ; MASSARA, RODRIGO L. ; SANTOS, JULIANNA L. ; CHIARELLO, ADRIANO G. . Is the domestic dog becoming an abundant species in the Atlantic forest? A study case in southeastern Brazil. mammalia, v. 76, p. 67-76, 2012.

16.
SATHLER-AVELAR, RENATO2008SATHLER-AVELAR, RENATO ; VITELLI-AVELAR, DANIELLE MARQUETE ; MASSARA, RODRIGO LIMA ; DE LANA, MARTA ; PINTO DIAS, JOÃO CARLOS ; TEIXEIRA-CARVALHO, ANDRÉA ; ELÓI-SANTOS, SILVANA MARIA ; MARTINS-FILHO, OLINDO ASSIS . Etiological treatment during early chronic indeterminate Chagas disease incites an activated status on innate and adaptive immunity associated with a type 1-modulated cytokine pattern. Microbes and Infection, v. 10, p. 103-113, 2008.

17.
SATHLER-AVELAR, R.2006SATHLER-AVELAR, R. ; VITELLI-AVELAR, D.M. ; MASSARA, R.L. ; BORGES, J.D. ; LANA, M. ; TEIXEIRA-CARVALHO, A. ; DIAS, J.C.P. ; ELÓI-SANTOS, S.M. ; MARTINS-FILHO, O.A. . Benznidazole Treatment during Early-indeterminate Chagas' Disease Shifted the Cytokine Expression by Innate and Adaptive Immunity Cells toward a Type 1-modulated Immune Profile. Scandinavian Journal of Immunology (Online), v. 64, p. 554-563, 2006.

18.
VITELLI-AVELAR, D. M.2006VITELLI-AVELAR, D. M. ; SATHLER-AVELAR, R. ; MASSARA, R. L. ; BORGES, J. D. ; LAGE, P. S. ; LANA, M. ; TEIXEIRA-CARVALHO, A. ; DIAS, J. C. P. ; ELOI-SANTOS, S. M. ; MARTINS-FILHO, O. A. . Are increased frequency of macrophage-like and natural killer (NK) cells, together with high levels of NKT and CD4+CD25high T cells balancing activated CD8+ T cells, the key to control Chagas' disease morbidity?. Clinical and Experimental Immunology (Print), v. 145, p. 81-92, 2006.

19.
MASSARA, R.L.;MASSARA, RODRIGO LIMA;MASSARA, R. L.;MASSARA, RL;MASSARA, RODRIGO L.;L. MASSARA, RODRIGO2004MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; BERGAMASCHI, Victor Augusto Duarte ; et al ; Sábato, D.J.F. . Micro Bacia do Saraiva: Didática, Embriologia e Estudo da percepção Ambiental. Sinapse Ambiental, v. 1, p. 16-26, 2004.

20.
MASSARA, R.L.;MASSARA, RODRIGO LIMA;MASSARA, R. L.;MASSARA, RL;MASSARA, RODRIGO L.;L. MASSARA, RODRIGO2004MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; BERGAMASCHI, Victor Augusto Duarte ; OLIVEIRA JÚNIOR, George Campos ; ESTEVES, Said Cristina de Oliveira ; GOMES, Alessandra Pereira Simonini . Educação Ambiental realizada na Comunidade do Bairro Bandeirinhas, situada em Betim/MG, como medida de Controle da Esquistossomose. Sinapse Ambiental, v. 1, p. 42-42, 2004.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
HUFNAGEL, LUDMILA ; MASSARA, R.L. ; Duarte, G.T. ; SANTOS, PALOMA MARQUES ; RODRIGUES, F. H. G. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; Guimarães, L.N. ; Paglia, A. P. . ONDE ESTÁ WALLY? PROCURANDO OS MAMÍFEROS EM UMA PAISAGEM ALTERADA. In: XVIII Congresso de Ecologia (III International Symposium of Ecology and Evolution), 2017, Viçosa. Resumos XVII Congresso de Ecologia, 2017.

2.
BARRETO, M. F. ; HUFNAGEL, LUDMILA ; Perillo, L. ; Bailey, L.L. ; MASSARA, RL ; PASCHOAL, A. M. O. ; Paglia, A. P. . Variáveis que influenciam a distribuição de turistas em uma Unidade de Conservação. In: IV Simpósio Brasileiro de Biologia da Conservação, 2017, Belo Horizonte. Resumos do IV Simpósio Brasileiro de Biologia da Conservação, 2017.

3.
CHIARELLO, A. G. ; PASCHOAL, A. M. O. ; MASSARA, R.L. ; CURI, N. H. A. . Domestic dogs as invasive species in protected areas of the Brazilian Atlantic forest. In: The 11 International Mammalogical Congress, 2013, Belfast. Poster Abstracts, 2013.

4.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; SANTOS, J. L. ; HIRSCH, A. ; CHIARELLO, A. G. . DIET AND HABITAT USE OF MANED WOLF IN A DISTURBED AREA OF SOUTH-EASTERN BRAZIL. In: 10th International Mammalogical Congress, 2009, Mendoza. Abstracts, 2009.

5.
PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; SANTOS, J. L. ; CHIARELLO, A. G. . The domestic dog as an invasive species in the Atlantic Forest:. In: 10th International Mammalogical Congress, 2009, Mendoza. Abstracts, 2009.

6.
SANTOS, J. L. ; MASSARA, R.L. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; CHIARELLO, A. G. . PREDAÇÃO DE PRIMATAS POR ONÇA-PARDA (PUMA CONCOLOR) NA RPPN FELICIANO MIGUEL ABDALA, CARATINGA, MINAS GERAIS. In: IV Congresso de Mastozoologia, 2008, São Lourenço. Resumos do IV Congresso de Mastozoologia, 2008.

7.
PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; SANTOS, J. L. ; CHIARELLO, A. G. . PREDADORES EM FRAGMENTOS DE MATA ATLÂNTICA: ESTUDO DE CASO NA RPPN FMA, CARATINGA, MINAS GERAIS. In: IV Congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2008, São Lourenço. Resumos do IV congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2008.

8.
COSTA, B. M. A. ; BANTEL, C. G. ; SABATO, M. A. L. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; DINIZ, R. F. V. . AMPLIAÇÃO DA ÁREA DE OCORRÊNCIA DE NEUSTICOMYS OYAPOCKI (RODENTIA;SIGMODONTINAE) NO BRASIL. In: IV Congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2008, São Lourenço. Resumos do IV Congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2008.

9.
MASSARA, R.L.; SATHLER-AVELAR, R ; SANTOS, Silvana Maria Eloi ; MARTINS-FILHO, OA ; LANA, M ; DIAS, João Carlos Pinto ; BORGES, Jáila Dias . Estudo do perfil da resposta imune de indivíduos portadores da infecção recente pelo Trypanosoma cruzi. In: XIII Jornada de Iniciação Científica do Centro de Pesquisas René Rachou, 2005, Belo Horizonte. XIII Jornada de Iniciação Científica do Centro de Pesquisas René Rachou. Belo Horizonte: FIOCRUZ-CPQRR, 2005. p. 35-35.

10.
MASSARA, R.L.; SANTOS, Silvana Maria Eloi ; SATHLER-AVELAR, R ; MARTINS-FILHO, OA ; GALVÃO, Lúcia Maria da Cunha ; GONTIJO, Eliane Dias ; LANA, M ; DIAS, João Carlos Pinto . Determinação do Efeito do Tratamento específico sobre o estado imune e evolução da doença de Chagas: Ênfase no perfil fenotípico dos leucócitos do sangue periférico. In: XII Jornada de Iniciação Científica do Centro de Pesquisas René Rachou, 2004, Belo Horizonte. XII Jornada de Iniciação Científica. I Jornada do programa de vocação científica. Belo Horizonte: CPQRR/FIOCRUZ, 2004. p. 47-47.

11.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; BERGAMASCHI, Victor Augusto Duarte ; OLIVEIRA JÚNIOR, George Campos ; ESTEVES, Said Cristina de Oliveira ; GOMES, Alessandra Pereira Simonini . Educação Ambiental como profilaxia no combate ao vetor, na comunidade da região do bairro Bandeirinhas em Betim- MG. In: III Semana de Meio Ambiente ?Água Fonte de Vida? PUC-Minas/Betim, 2004, Betim. III Semana de Meio Ambiente ?Água Fonte de Vida? PUC-Minas/Betim - RESUMOS. Betim: PUC-Minas, 2004. p. 28-28.

12.
BERGAMASCHI, Victor Augusto Duarte ; MASSARA, R.L. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; SANTOS, Gabriel Reis dos ; CARMO, Rafael Thiago Do ; ANDRADE, Ana Luiza de Mello ; LANZA, Marcelo Henrique ; LIMA, Karine de Carvalho ; ESTEVES, Said Cristina de Oliveira ; MARQUES, Camila Alves ; AMARAL, Neusa ; CÂMARA, Bruno Garzon de Oliveira . Comunidade de Aves da Bacia do Córrego Saraiva, Betim,Minas Gerais, Brasil. In: III Semana de Meio Ambiente ?Água Fonte de Vida? PUC-Minas/Betim, 2004, Betim. III Semana de Meio Ambiente ?Água Fonte de Vida? PUC-Minas/Betim - RESUMOS. Betim: PUC-Minas, 2004. p. 04-04.

Apresentações de Trabalho
1.
MASSARA, R. L.. Influência da paisagem na ocupação de habitats por mamiferos em um contexto da conservação de comunidades naturais. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
MASSARA, R. L.. A jaguatirica estaria se beneficiando do atual cenário de fragmentação e perda de habitats na Mata Atlântica?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MASSARA, R. L.. A jaguatirica estaria se beneficiando do atual cenário de fragmentação e perda de habitats na Mata Atlântica?. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MASSARA, R. L.. A jaguatirica e o atual cenário de degradação da Mata Atlântica. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
MASSARA, R.L.. Teste da hipótese da liberação de mesopredadroes na Mata Atlântica. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; SANTOS, J. L. ; HIRSCH, A. ; CHIARELLO, A. G. . DIET AND HABITAT USE OF MANED WOLF IN A DISTURBED AREA OF SOUTH-EASTERN BRAZIL. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; SANTOS, J. L. ; CHIARELLO, A. G. . The domestic dog as an invasive species in the Atlantic Forest:. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; SANTOS, J. L. ; CHIARELLO, A. G. . PREDADORES EM FRAGMENTOS DE MATA ATLÂNTICA: ESTUDO DE CASO NA RPPN FMA, CARATINGA, MINAS GERAIS. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
COSTA, B. M. A. ; BANTEL, C. G. ; SABATO, M. A. L. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; DINIZ, R. F. V. . AMPLIAÇÃO DA ÁREA DE OCORRÊNCIA DE NEUSTICOMYS OYAPOCKI (RODENTIA;SIGMODONTINAE) NO BRASIL. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
SANTOS, J. L. ; MASSARA, R.L. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; CHIARELLO, A. G. . PREDAÇÃO DE PRIMATAS POR ONÇA-PARDA (PUMA CONCOLOR) NA RPPN FELICIANO MIGUEL ABDALA, CARATINGA, MINAS GERAIS. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
MASSARA, R.L.; SATHLER-AVELAR, R ; SANTOS, Silvana Maria Eloi ; MARTINS-FILHO, OA ; LANA, M ; DIAS, João Carlos Pinto ; BORGES, Jáila Dias . Estudo do perfil da resposta imune de indivíduos portadores da infecção recente pelo Trypanosoma cruzi. 2005. (Apresentação de Trabalho/Outra).

12.
MASSARA, R.L.; SANTOS, Silvana Maria Eloi ; SATHLER-AVELAR, R ; MARTINS-FILHO, OA ; GALVÃO, Lúcia Maria da Cunha ; GONTIJO, Eliane Dias ; LANA, M ; DIAS, João Carlos Pinto . Determinação do Efeito do Tratamento específico sobre o estado imune e evolução da doença de Chagas: Ênfase no perfil fenotípico dos leucócitos do sangue periférico. 2004. (Apresentação de Trabalho/Outra).

13.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; BERGAMASCHI, Victor Augusto Duarte ; OLIVEIRA JÚNIOR, George Campos ; ESTEVES, Said Cristina de Oliveira ; GOMES, Alessandra Pereira Simonini . Educação Ambiental como profilaxia no combate ao vetor, na comunidade da região do bairro Bandeirinhas em Betim- MG. 2004. (Apresentação de Trabalho/Outra).

14.
BERGAMASCHI, Victor Augusto Duarte ; MASSARA, R.L. ; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; SANTOS, Gabriel Reis dos ; CARMO, Rafael Thiago Do ; ANDRADE, Ana Luiza de Mello ; LANZA, Marcelo Henrique ; LIMA, Karine de Carvalho ; ESTEVES, Said Cristina de Oliveira ; MARQUES, Camila Alves ; AMARAL, Neusa ; CÂMARA, Bruno Garzon de Oliveira . Comunidade de Aves da Bacia do Córrego Saraiva, Betim,Minas Gerais, Brasil. 2004. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
MASSARA, R. L.. Revisão de Artigo para o jornal Journal of Applied Ecology. 2018.

2.
MASSARA, R. L.. Revisão de Artigo para o jornal Plos One. 2018.

3.
MASSARA, R. L.. Revisão de artigo para o jornal Tropical Conservation Science. 2018.

4.
MASSARA, R. L.. Revisão de Artigo para o jornal Journal of Applied Ecology. 2018.

5.
MASSARA, R. L.. Revisão de Artigo para o jornal Ecology and Evolution. 2018.

6.
MASSARA, R. L.. Revisão de artigo para o jornal Population Ecology. 2017.

7.
MASSARA, R. L.. Revisão de artigo para o jornal Mammal Research. 2017.

8.
MASSARA, R. L.. Revisão de Artigo para o jornal Animal Biodiversity and Conservation. 2017.

9.
MASSARA, R.L.. Revisão de artigo para o jornal Plos One. 2017.

10.
MASSARA, RL. Revisão de Artigo para o jornal Journal of Mammalogy. 2017.

11.
MASSARA, R.L.. IV Simpósio Brasileiro de Biologia da Conservação. 2017.

12.
MASSARA, R. L.. Revisão de artigo para o jornal Tropical Conservation Science. 2016.

13.
MASSARA, R. L.. Revisão de artigo para o jornal Plos One. 2015.

14.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira . Diagnóstico Ambiental dos mamíferos de médio e grande porte da Serra da Calçada, região metropolitana de Belo Horizonte. 2012.

15.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveria . Monitoramento da comunidade de mamíferos de pequeno, médio e grande porte nas áreas de influência da PCH de Varginha e Várzea Alegre (Chalé/MG), de propriedade da ERSA, para a concessão de licenças ambientais para a instalação do empreendimento.. 2008.

16.
PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; MASSARA, R.L. ; SABATO, M. A. L. . Monitoramento da comunidade de mamíferos de pequeno, médio e grande porte nas áreas de influência do Gasoduto Brasil Central (Municípios de São Carlos, SP e Itumbiara, GO), para a concessão de licenças ambientais para a implantação do mesmo.. 2008.

17.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira . Monitoramento da comunidade de mamíferos de pequeno, médio e grande porte na área de influência da PCH de Paiol (Frei Inocêncio/MG), de propriedade da ERSA, para a concessão de licenças ambientais para a instalação do empreendimento.. 2008.

18.
MASSARA, R.L.; Rarroeta, M.R. ; Perilli, M. ; SABATO, M. A. L. . Monitoramento da comunidade de médios e grandes mamíferos nas áreas dos platôs amazônicos de porto trombetas/PA, para a concessão de licenças ambientais para que a Mineração Rio do Norte (MRN) pudesse atuar nos locais.. 2007.

19.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveria ; CÂMARA, Edeltrudes Maria Valadares Calaça . Monitoramento da comunidade de mamíferos nas áreas da Vale em Minas Gerais. 2005.

20.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira ; COSTA, B. M. A. ; BANTEL, C. G. ; SABATO, M. A. L. . Monitoramento da comunidade de pequenos mamíferos nas áreas dos platôs amazônicos de porto trombetas/PA, para a concessão de licenças ambientais para que a Mineração Rio do Norte (MRN) pudesse atuar nos locais.. 2005.

Trabalhos técnicos
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
MASSARA, R.L.. The Maned wolf: saving South America?s unfortunately-named canid. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
MASSARA, R. L.. Análises de ocupação espacial. 2018. (Palestra).

2.
MASSARA, R. L.. Sobrevivendo no Antropoceno: o caso da jaguatirica na Mata Atlântica. 2018. (Palestra).

3.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, A. M. O. . Modelagem de ocupação aplicada a conservação. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
MASSARA, R. L.. Influência da paisagem na ocupação de habitats por mamíferos em um contexto da conservação de comunidades naturais. 2017. (Palestra).

5.
MASSARA, R. L.. A jaguatirica e o atual cenário de degradação da Mata Atlântica. 2016. (Palestra).

6.
MASSARA, R. L.. A jaguatirica estaria se beneficiando do atual cenário de fragmentação e perda de habitats na Mata Atlântica?. 2016. (Palestra).

7.
MASSARA, R.L.. Métodos para estudos e conservação de mamíferos silvestres. 2009. (Palestra).

8.
MASSARA, R.L.. O lobo-guará fora de Unidade de Conservação: um estudo de caso na área da Serra da Calçada, Brumadinho, MG. 2008. (Palestra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Pichorim, M; Venticinque, E.M.; MASSARA, R. L.. Participação em banca de Paulo Fernandes da Costa Neto. PADRÕES DE USO DE HABITAT E COOCORRÊNCIA DE AVES DO GÊNERO HERPSILOCHMUS (THAMNOPHILIDAE) EM FRAGMENTO FLORESTAL NO EXTREMO NORTE DE DISTRIBUIÇÃO DA MATA ATLÂNTICA. 2018. Dissertação (Mestrado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

2.
MASSARA, R. L.; BERG, E. V. D.; Passamani, M.. Participação em banca de Luciano Carramaschi de Alagão Querido. Anthropic parameters of landscape and its influence on medium to large mammals. 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia Aplicada) - Universidade Federal de Lavras.

Teses de doutorado
1.
MASSARA, R. L.; Rodrigues, M.; Tomas, W. M.; Paglia, A. P.; RODRIGUES, F. H. G.. Participação em banca de Luis Júnior Comissario Mandlate. Padrões de uso de recursos e habitat selecionado pelas zebras (Equus burchelli) e gnus (Connochaetes taurinus) reintroduzidos na Reserva Especial de Maputo, Sul de Moçambique. 2018. Tese (Doutorado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
Pichorim, M; Fonseca, C.R.S.D.; Venticinque, E.M.; Mestre, L.A.M.; MASSARA, R.L.. Participação em banca de Guilherme Santos Toledo de Lima. Aves na Caatinga do Seridó ─ como indivíduos, populações e comunidade persistem em um ambiente tropical sazonal em anos de seca. 2017. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Qualificações de Doutorado
1.
Paglia, A.P.; RODRIGUES, F. H. G.; MASSARA, R. L.. Participação em banca de Ricardo Corassa Arrais. Random versus non-random camera-trap placement strategy for estimating Ocelot (Leopardus pardalis) abundance and density in the Atlantic Forest. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
MASSARA, R.L.; Paglia, A. P.; Barbosa (N.P.U.). Participação em banca de Marcelo Juliano Rabelo Oliveira. Populational estimates of ocelots (Leopardus pardalis) and oncillas (Leopardus tigrinus) in two protected areas of the Brazilian Savannah. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
Paglia, A.P.; MASSARA, R.L.; PASCHOAL, A. M. O.. Participação em banca de Douglas de Matos Dias. Behavioural Ecology in a Predator-Prey System. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
MASSARA, RL; Barbosa (N.P.U.); Paglia, A. P.. Participação em banca de Luis Júnior Comissario Mandlate. Factors affecting the habitat selection by reintroduced burchells Zebra and blue wildbeest in maputo special reserve. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Qualificações de Mestrado
1.
Paglia, A. P.; Azevedo, C.S.; MASSARA, R.L.. Participação em banca de Alaine Izabela Alves do Prado. Padrões de ocupação de abrigos em comunidades de morcegos (MAMMALIA; CHIROPTERA) de cavernas do Quadrilátero Ferrífero - MG. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Ecologia de Biomas Tropicais) - Universidade Federal de Ouro Preto.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
MASSARA, R. L.; Paglia, A. P.. Participação em banca de Júlia Guimarães Mendes Alves.A Fauna de morcegos da Estação Ecológica - UFMG. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
MASSARA, R.L.; PASCHOAL, Ana Maria de Oliveira; Costa, C.G; Vieira, C.L.G.C.. Participação em banca de Maria Emília de Avelar Fernandes.Análise do conteúdo estomacal de mamíferos carnívoros atropelados no Estado de Minas Gerais, Brasil.. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

3.
Assis, M.A.C.; Eterovick, P.C.; MASSARA, R.L.; Talamoni, S.A.. Participação em banca de Andreza Santos Amaral.Dieta de Chrotopterus auritus. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

4.
Assis, M.A.C.; Junior, D.A.C.; MASSARA, R.L.; Talamoni, S.A.. Participação em banca de Camila Guimarães Torquetti dos Santos.Similaridade Inter-sexual e sazonal nos movimentos de Marmosops incanus. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
MASSARA, R.L.. IV Simpósio de Biologia da Conservação. Avaliador dos resumos submetidos. 2017. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
Mello, M.; MASSARA, R.L.; Cruz, A.J.R.. Banca PDSE - CAPES. 2016. Universidade Federal de Minas Gerais.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Semana de Biologia da Faculdade Pitágoras.Sobrevivendo no Antropoceno: o caso da jaguatirica na Mata Atlântica. 2018. (Outra).

2.
VI Curso Brasileiro de Primatologia.Análises de ocupação espacial. 2018. (Outra).

3.
II Simpósio de Ecologia e Sustentabilidade.Influência da paisagem na ocupação de habitats por mamiferos em um contexto da conservação de comunidades naturais. 2017. (Simpósio).

4.
IV Simpósio Brasileiro de Biologia da Conservação.Minicurso ministrado: Modelagem de ocupação aplicada à conservação. 2017. (Simpósio).

5.
IV Simpósio Brasileiro de Biologia da Conservação.Membro da comissão avaliadora dos resumos. 2017. (Simpósio).

6.
I Simpósio em Ecologia, Conservação e Manejo da Vida Silvestre.STATUS POPULACIONAL E PAPEL DA JAGUATIRICA (Leopardus pardalis) NA DINÂMICA DA COMUNIDADE DE MESOPREDADORES EM PARQUES E RESERVAS DA MATA ATLÂNTICA. 2013. (Simpósio).

7.
III Encontro de pesquisa em parasitologia do ICB/UFMG.Ocorrência de hemoparasitas em cães rurais no entorno de Unidades de Conservação de Mata Atlântica em Minas Gerais. 2012. (Encontro).

8.
10th International Mammalogical Congress. DIET AND HABITAT USE OF MANED WOLF IN A DISTURBED AREA OF SOUTH-EASTERN BRAZIL and The domestic dog as an invasive species in the Atlantic Forest:. 2009. (Congresso).

9.
Grupo de estudos de Animais Silvestres.Métodos para estudos e conservação de mamíferos silvestres. 2009. (Encontro).

10.
IV Congresso Brasileiro de Mastozoologia. 3 apresentações diferentes (ver trabalhos publicados em anais de eventos no item Produção Bibliográfica). 2008. (Congresso).

11.
XXII Jornada de Biologia.O lobo-guará fora de Unidade de Conservação: um estudo de caso na área da Serra da Calçada, Brumadinho, MG. 2008. (Outra).

12.
I Congresso Sul-americano de Mastozoologia. 2006. (Congresso).

13.
Apresentação de trabalhos de Iniciação Científica do curso de Ciências Biológicas.Apresentação de trabalhos de Iniciação Científica do curso de Ciências Biológicas. 2004. (Outra).

14.
Ciência na Rodoviária.Ciência na rodoviária. 2004. (Outra).

15.
Congresso Brasileiro de Zoologia. 2004. (Congresso).

16.
III Semana de Meio Ambiente. 2004. (Outra).

17.
XVIII Jornada de Biologia. 2004. (Outra).

18.
XXV Congresso Brasileiro de Zoologia. 2004. (Congresso).

19.
Biologia na Prática. 2003. (Simpósio).

20.
II Congresso Brasileiro de Mastozoologia. 2003. (Congresso).

21.
II Congresso Brasileiro de Mastozoologia.Participação na organização do evento do II Congresso Brasileiro de Mastozoologia. 2003. (Outra).

22.
II Congresso Brasileiro de Mastozoologia. 2003. (Outra).

23.
II Jornada de Biologia.Palestra: Os mamíferos extintos no Brasil. 2003. (Outra).

24.
II Jornada de Meio Ambiente.Palestra: Diversidade de Pteridófitas no Brasil. 2003. (Outra).

25.
II Jornada de Meio Ambiente.Palestra: Recuperação de lagos. 2003. (Outra).

26.
II Jornada de Meio Ambiente.Palestra: A nova classificação de Angiospermas. 2003. (Outra).

27.
II Jornada de Meio Ambiente.Palestra: O uso da tecnologia de sensoriamento remoto para o mapeamento e proteção do Meio Ambiente: casos de Minas Gerais e Amazônia. 2003. (Outra).

28.
II Jornada de Meio Ambiente.Palestra: O uso da metereologia em Planejamento Ambiental. 2003. (Outra).

29.
II Jornada de Meio Ambiente. 2003. (Outra).

30.
II Jornada de Meio Ambiente da PUC-Minas/Betim. 2003. (Outra).

31.
Mini- curso de Metodologias para levantamento de fauna. 2003. (Outra).

32.
Seminário Agenda 21 em debate.Seminário: Agenda 21 em debate. 2003. (Seminário).

33.
XVII Jornada de Biologia. 2003. (Outra).

34.
4º Encontro Nacional de Biólogos.4º Encontro Nacional de Biólogos. 2002. (Encontro).

35.
4º Encontro Nacional de Biólogos.Mini-curso de macrófitas aquáticas. 2002. (Outra).

36.
I Semana de Meio Ambiente.I Semana de Meio Ambiente. 2002. (Outra).

37.
I Semana do Meio Ambiente do curso de Ciências Biológicas da PUC-Minas/Betim.Palestra Educação Ambiental. 2002. (Outra).

38.
Jornada de Biologia.Curso Sobre Ecologia de Vertebrados. 2002. (Outra).

39.
Palestra: Comportamento Reprodutivo de Anfíbios e Anuros. 2002. (Outra).

40.
Palestra: Ecologia Litorânea na Zona de influência do Rio Doce. 2002. (Outra).

41.
1o ciclo de palestras do diretório acadêmico de ciências Biológicas da PUC Minas.Palestra: Parasitologia. 2001. (Outra).

42.
1o ciclo de palestras do diretório acadêmico de ciências Biológicas da PUC Minas.Palestra: lixo e meio ambiente. 2001. (Outra).

43.
1o ciclo de palestras do diretório acadêmico de ciências Biológicas da PUC Minas.Palestra:Biorremediação. 2001. (Outra).

44.
1o ciclo de palestras do diretório acadêmico de ciências Biológicas da PUC Minas.Palestra: Reprodução de peixes,genética e biologia molecular, Biologia de peixe-Boi. 2001. (Outra).

45.
1o ciclo de palestras do diretório acadêmico de ciências Biológicas da PUC Minas.Palestra: Fitoterapia. 2001. (Outra).

46.
1o seminário de Bacia Hidrográfica.1o seminário de Bacia Hidrográfica. 2001. (Seminário).

47.
Curso de Biologia Marinha.Curso de Biologia Marinha. 2001. (Outra).

48.
I Semana de Introdução aos estudos da Biologia da PUC- Minas/Betim.I Semana de Introdução aos estudos da Biologia da PUC- Minas/Betim. 2001. (Outra).

49.
Palestras promovidas pelo curso de Ciências Biológicas da PUC-MInas/Betim.Palestra- comentário sobre as novas tecnologias em biologia. 2001. (Outra).

50.
Palestras promovidas pelo curso de Ciências Biológicas da PUC-MInas/Betim.Palestra - A função social do biólogo. 2001. (Outra).

51.
XV Jornada de Biologia.Curso sobre Ecologia de mamíferos da Mata Atlântica. 2001. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MASSARA, R.L.. XII Congresso Brasileiro de Primatologia. 2007. (Congresso).

2.
MASSARA, R.L.. II Congresso Brasileiro de Mastozoologia. 2003. (Congresso).

3.
MASSARA, R.L.. II Jornada de Meio Ambiente "Ano Internacional da Água". 2003. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Ana Flávia de Melo Mendes Carvalho. Mamíferos do Monumento Natural Serra do Elefante. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

Tese de doutorado
1.
Amanda Monique da Silva Dias. Análise da consistência técnica da gestão da fauna no Licenciamento Ambiental em Minas Gerais. Início: 2017. Tese (Doutorado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

2.
Liana Mara Mendes de Sena. Using occupancy models to investigate habitat use and illegal hunting: a case of Brazilian-three-banded-armadillo. Início: 2017. Tese (Doutorado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

3.
Ludmila Hufnagel Regis Diniz Maia. Efetividade das áreas protegidas do Brasil para a conservação de mamíferos de médio e grande porte. Início: 2017. Tese (Doutorado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Ludmila Hufnagel Regis Diniz Maia. Onde está Wally? Pocurando os mamíferos em um ambiente alterado. 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Rodrigo Lima Massara.

Tese de doutorado
1.
Douglas de Matos Dias. Influência antrópica sobre a probabilidade de ocupação de mamíferos carnívoros e as relações interespecíficas entre predadores e suas presas na Caatinga.. 2018. Tese (Doutorado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre)) - Universidade Federal de Minas Gerais, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Rodrigo Lima Massara.



Outras informações relevantes


Aprovado em oitavo lugar no concurso público para professor Adjunto A (Sínteses Ecológicas e Interações - edital Nº 257/2018) do Departamento de Biologia Geral da Universidade Federal de Minas Gerais, 2018.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 14:15:21