Maria Sarita Cristina Mota

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3295892273018397
  • Última atualização do currículo em 26/06/2018


Bacharel (1996) e Licenciada (1997) em História, com Mestrado (2001) em Ciências Sociais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Possui Doutorado (2009) em Ciências Sociais pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), na qual defendeu uma tese sobre a evolução dos direitos de propriedade no Brasil, destacando os conflitos agrários no Rio de Janeiro entre os séculos XVI-XIX. Obteve a equivalência ao grau de doutora em História Moderna e Contemporânea pelo Instituto Universitário de Lisboa (ISCTE-IUL). Atua no campo da História Social da Propriedade, História Agrária e História Ambiental, com interesse nos seguintes temas: terra, poder, territorialidades, direitos de propriedade, conflitos fundiários, identidades sociais, cidadania e mudança social. Tem ampla experiência em investigação, docência e supervisão pedagógica em História, com atuação na rede pública de Ensino Básico, Secundário e Superior. Exerceu funções de gestão em instituições públicas de C&T (CPrM, Bibliex), e foi coordenadora de projetos de extensão universitária (UERJ) e projetos de integração social (SESC). Atualmente é Investigadora Integrada do Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL) onde integra o Grupo de Pesquisa 6: História Moderna e Contemporânea. É membro da Rede de História Rural em Português (RuralReport), da Rede Portuguesa de História Ambiental (Report(h)a) e do GT História Ambiental da Associação Nacional de História (ANPUH-Brasil). É autora de capítulos de livros, artigos e verbetes em obras coletivas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Maria Sarita Cristina Mota
Nome em citações bibliográficas
MOTA, Maria Sarita

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Universitário de Lisboa, Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL).
Avenida das Forças Armadas | Edifício I, Sala 2N19C
Entrecampos
1649026 - Lisboa, - Portugal
Telefone: (351) 210464192
URL da Homepage: http://www.cies.iscte.pt


Formação acadêmica/titulação


2005 - 2009
Doutorado em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade.
Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, UFRRJ, Brasil.
com período sanduíche em Universidad Nacional de Quilmes (Orientador: Profª Drª Noemí Girbal-Blacha).
Título: Nas terras de Guaratiba. Uma aproximação histórico-jurídica às definições de posse e propriedade da terra no Brasil entre os séculos XVI-XIX, Ano de obtenção: 2009.
Orientador: María Verónica Secreto.
Palavras-chave: Propriedade; Posse; Conflitos fundiários; História regional.
Grande área: Ciências Humanas
1998 - 2001
Mestrado em Ciências Sociais.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Um Diálogo de Textos: Estratégias de Representação da Cidade na Ficção Contemporânea,Ano de Obtenção: 2001.
Orientador: Profª Drª Cléia Schiavo Weyrauch.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Literatura comparada; Ficção contemporânea; Cidade (Rio de Janeiro); HIstória.
Grande área: Ciências Humanas
1991 - 1997
Graduação em História.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: O Rio de Janeiro em 1922: o discurso da saúde, da beleza e da capital construindo uma Nação.
Orientador: Edgard Leite.
Bolsista do(a): Pibic/UERJ, CNPQ, Brasil.


Pós-doutorado


2015 - 2018
Pós-Doutorado.
Centro de Investigação e Estudos de Sociologia, CIES-IUL, Portugal.
Bolsista do(a): Fundação para a Ciência e a Tecnologia, FCT, Portugal.
2012 - 2015
Pós-Doutorado.
Centro de Estudos de História Contemporânea, CEHC-IUL, Portugal.
Bolsista do(a): Fundação para a Ciência e a Tecnologia, FCT, Portugal.
Grande área: Ciências Humanas


Formação Complementar


2010 - 2011
Direito. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, UFRRJ, Brasil.
1998 - 1999
Extensão universitária em Teoria da Literatura. (Carga horária: 180h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1993 - 1993
Extensão universitária em Fenomenologia. (Carga horária: 20h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1989 - 1990
Direito.
Faculdades Integradas Moacyr Sreder Bastos, UNIMSB, Brasil.
1986 - 1988
História.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
1987 - 1987
Extensão universitária em Florianismo: uma visão da República. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Universitário de Lisboa, ISCTE-IUL, Portugal.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Investigadora integrada, Enquadramento Funcional: Investigadora, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), .

01/2015 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), .

Cargo ou função
Membro do Conselho Científico.
05/2017 - 05/2017
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL).

Atividade realizada
Aula ?Bahia e Rio de Janeiro em perspectiva comparada: a cidade, o recôncavo e o sertão?, com a participação da Profª Hélida Conceição (UNEB), integrada na programação do Seminário do Mestrado em História..
04/2016 - 04/2016
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL).

Atividade realizada
Conferência ?Terra, Poder e Territorialidades na América portuguesa?, no Seminário de Projetos do Grupo VI: História Moderna e Contemporânea do CIES-IUL.
04/2016 - 04/2016
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL), Centro de Investigação e Estudos de Sociologia (CIES-IUL).

Atividade realizada
Seminário ?História Ambiental: historiografia e perspectiva atual?, integrada no Seminário Novas Perspectivas em História Contemporânea, do Mestrado em História Contemporânea..
02/2012 - 12/2014
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Estudos de História Contemporânea (CEHC-IUL), .

Linhas de pesquisa
Tempos Modernos
02/2012 - 12/2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Estudos de História Contemporânea (CEHC-IUL), .

Cargo ou função
Membro do Conselho Científico.
05/2013 - 05/2013
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Estudos de História Contemporânea (CEHC-IUL), Centro de Estudos de História Contemporânea (CEHC-IUL).

Atividade realizada
Conferência ?Terra, Poder e Territorialidades na América Portuguesa, c.1770-1822?, integrada no Seminário Permanente do CEHC..
05/2012 - 05/2012
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Estudos de História Contemporânea (CEHC-IUL), Centro de Estudos de História Contemporânea (CEHC-IUL).

Atividade realizada
Conferência ?Terra e conflitos: a jurisdicionalização da propriedade na América portuguesa?, integrada no Seminário Permanente do CEHC..

Fundação para a Ciência e a Tecnologia, FCT, Portugal.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Investigador, Enquadramento Funcional: Investigador, Regime: Dedicação exclusiva.


El Colegio de Michoacán, COLMICH, México.
Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora
Outras informações
Elaboração do levantamento de instituições arquivísticas do Brasil e Portugal para o Guía de Fuentes para la Historia Económica de México, coordenado pelas correspondentes da Asociación Mexicana de Historia Económica para os estados de Colima e Michoacán, María J. Ramírez e Laura Pacheco.


Universidade Salgado de Oliveira, UNIVERSO, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 10
Outras informações
Investigadora do Grupo de Pesquisas (CNPq) "Sociedade, Cultura e Trabalho na região da Zona da Mata Mineira, séculos XVIII-XIX", Líder: Prof Dr Jorge Prata e Prof Dr Rômulo Andrade, integrada à Linha de Pesquisa ?Patrimônio, Cultura e Sociedade?.


Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, UFRRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20
Outras informações
Membro do Grupo de Pesquisa (CNPq) Estudos Subalternos: ruralidade, cultura e política", coordenado pelo Prof Dr Roberto José Moreira.

Vínculo institucional

2008 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20
Outras informações
Membro do Grupo de Pesquisa (CNPq) "Ruralidades, Cultura e Desenvolvimento Sustentável", coordenado pelo Prof Dr Roberto José Moreira.

Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Extensão Universitária, Carga horária: 20
Outras informações
Membro da equipe do Projeto de Extensão Universitária "O Direito em (inter)ação: vamos fazer juntos", coordenado pela Profª Gislane Narciso Pantoja, Departamento de Direito, Administração e Turismo, do Instituto Multidisciplinar, campus Nova Iguaçu.

Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20
Outras informações
Membro do Grupo de Pesquisa (CNpq) "Documentação Visual (Mundo Rural e História Ambiental), coordenado pelo Prof Dr Héctor Alimonda.

Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20
Outras informações
Membro da equipe do Projeto CAPES/SECYT 145/08, intitulado "Brasil e Argentina em perspectiva comparada: espaços, sujeitos, políticas públicas e representações rurais contemporâneas", coordenado pela Profª Drª María Verónica de Secreto Ferreras.

Atividades

01/2008 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Pós-Grad. em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade, .


Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 2001
Vínculo: Cargo em comissão, Enquadramento Funcional: Coordenador Técnico, Carga horária: 40
Outras informações
Coordenadoria de Projetos e Ações Culturais do Departamento Cultural da Reitoria - Decult/SR3.

Vínculo institucional

1998 - 2000
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Mestrado, Carga horária: 40

Vínculo institucional

1997 - 1997
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Extensão Universitária, Carga horária: 20

Vínculo institucional

1996 - 1996
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica, Carga horária: 16

Atividades

5/2000 - 12/2000
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto Cinema e Cultura.
3/2000 - 12/2000
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto São Cristovão: Memória, História e Cultura.
4/1999 - 12/2000
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Coordenação de Projetos de Extensão Universitária.
4/1999 - 12/2000
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto Cidadania Cultural.
8/1999 - 12/1999
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto TV UERJ - Programa Agenda Cultural.
5/1999 - 12/1999
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto Cinema na Concha.
5/1999 - 11/1999
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto Tijuca: Memória, História e Cultura.
3/1997 - 6/1997
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto Série Depoimentos: Pixinguinha.
4/1996 - 12/1996
Extensão universitária , Reitoria, Departamento Cultural.

Atividade de extensão realizada
Projeto Os Intelectuais Forasteiros e a Cidade do Rio de Janeiro.

Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora
Outras informações
Pesquisadora do Núcleo de História Rural do Programa de Pós-Graduação em História, coordenado pela Profª Drª Márcia Motta. Atuei nas Linhas de Pesquisas História Social da Propriedade e História da Agricultura. Participei em vários projetos, especialmente o projeto "Terras Lusas" (CAPES/FCT), no qual elaborei o ?Levantamento Bibliográfico Teses e Dissertações Rio de Janeiro e São Paulo" disponíveis em Bibliotecas Digitais?, disponível em: https://landsoverseas.files.wordpress.com/2012/01/laos-biblio-brasil-tese-rj-e-sp.pdf Também contribui com verbetes para outra publicação do referido projeto, na obra "e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português (e-DITTIP)", uma publicação desenvolvida no âmbito do projeto ?Lands Over Seas: property rights in the early modern Portuguese Empire? (FCT-CAPES), coordenado pelo Prof Dr José Vicente Serrão, disponíveis em: https://edittip.net

Atividades

09/2009 - 06/2012
Pesquisa e desenvolvimento , Núcleo de Referência Agrária, Pós-Graduação em História, .


Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora
Outras informações
Membro do Grupo de Pesquisa (CNPq) "Cultura Política e Poder", cooordenada pelo Prof. Dr. Cristiano Luís Christillino e Prof. Dr. José Adilson Filho.

Atividades

03/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de História, .


Universidad Nacional de Quilmes, UVQ, Argentina.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista de Doutorado Sanduíche, responsável pelo sub-projeto de pesquisa "Representações do mundo rural: viajantes, natureza e sociedade em Buenos Aires e no Rio de Janeiro na primeira metade do século XIX", com supervisão da Dra Noemí Girbal-Blacha e do Dr Adrián Gustavo Zarrilli, no período Setembro 2008-Janeiro 2009.


Ministerio de Ciencia, Tecnología e Innovación Productiva, MINCYT, Argentina.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Bolsista de Doutorado, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Missão de trabalho na modalidade Doutorado Sanduíche, no marco do projeto Capes-Secyt 145/08, intitulado "Brasil e Argentina em perspectiva comparada: espaços, sujeitos, políticas públicas e representações rurais contemporâneas", coordenado pela Profª Drª María Verónica Secreto de Ferreras.


Comando da Aeronáutica do Brasil, III COMAR, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2010
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 40


Secretaria Municipal de Educação, SME/RIO DE JANEI, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 16


Secretaria de Estado de Educação, SEE, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 2002
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 16
Outras informações
Docente do Instituto Benjamin Constant e do Colégio Estadual Amaro Cavalcanti.


Serviço Social do Comércio - SESC (RJ), SESC, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Coordenadora Técnica, Carga horária: 40


Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Bolsista Doutorado Sanduíche, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsa concedida no âmbito do Programa Capes/Mincyt.

Vínculo institucional

1998 - 2000
Vínculo: Bolsista de Mestrado, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Regime: Dedicação exclusiva.


Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira, CAP-UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 1997
Vínculo: Estágio Docente Supervisionado, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 16


Biblioteca do Exército, MINISTÉRIO DO EX, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 1999
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Assistente em Ciência e Tecnologia, Carga horária: 40


Campo de Provas da Marambaia, MINISTÉRIO DO EX, Brasil.
Vínculo institucional

1988 - 1996
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Assistente em Ciência e Tecnologia, Carga horária: 40


Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Apoio Técnico, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista de Apoio Técnico no âmbito do projeto de implantação do Centro de Referência e Documentação Histórica da Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro, vinculado ao Departamento de Ciências Sociais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, coordenado pela Profª Drª Cléia Schiavo Weyrauch.


Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 1997
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Extensão Universitária, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista de Extensão Universitária do Programa de Bolsas DEPEXT/SR3-UERJ, desenvolvida no Departamento Cultural da Reitoria da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, com orientação da Profª Drª Cléia Schiavo Weyrauch.

Vínculo institucional

1996 - 1996
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista de Iniciação Científica do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (PIBIC-CNPq), desenvolvido no Departamento de Ciências Sociais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, com orientação da Profª Drª Cléia Schiavo Weyrauch.



Linhas de pesquisa


1.
Ruralidades na História e na Cultura
2.
História Social da Propriedade
3.
História da Agricultura
4.
Poder, Meio Ambiente, e Direitos de Propriedade
5.
Tempos Modernos
6.
História Moderna e Contemporânea


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Subjection and Vassalage: indigenous labour and everyday forms of resistance in colonial Rio de Janeiro
Descrição: Research project integrated in the CIES-IUL team developed under the project Rebellion and Resistance in the Iberian Empires, 16th-19th centuries - RESISTANCE (778076-H2020-MSCA-RISE-2017). The term "subjection and vassalage" defines the first indigenist policy instituted in the reign of King John III, included in the 1549 regiment of Tomé de Sousa, the first governor general of Brazil, to integrate (or exterminate) the native peoples to the colonial order. In making use of this expression, the project intends to analyse the situations of contact, subordination and domination of native peoples who were displaced to the urban and rural nuclei of the captaincy of Rio de Janeiro in the colonial period. It re-examine the domination/resistance dialectic, evidencing how the native peoples were important political actors of its own history. The indigenous presence will be traced from the world of labour and the everyday forms of resistance, with the aim of answering the following questions: how they resisted to the territorialisation of the Portuguese crown and the expansion of the city? How were they incorporated into the Atlantic economy? How did the former defeated villages give way to the "stone and lime" city constructed by the European settlers? To what extent, in situations of confinement and forced labour, could the Indians recreate their underestimated identities and sociabilities? The main objectives are: mapping the trajectory of the native peoples who inhabited the coast of Rio de Janeiro; mapping the Euro-indigenous conflicts; to recover indigenous narratives, strategies and political actions that reinforce the history of indigenous rights; to reflect on the relations of miscegenation and colonization from the evolution of the forms of labour, production, and linguistic, intellectual and technical acculturation; re-reading the colonial documentation in the light of Ethnoecology to update the indigenous question and contribute to a reflection on the ethnic, social, economic and cultural inequalities existing in contemporary society..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - Atual
Terra, Poder e Territorialidades na América Portuguesa. c.1770-c.1822.
Descrição: Esta pesquisa pretende compreender os processos de territorialização, territorialidades e extraterritorialidades na América portuguesa, entre fins do século XVIII e início do século XIX. Identifica os processos sócio-políticos que configuraram novas territorialidades periféricas a partir da visualização dos embates hegemônicos, contra-hegemônicos e subalternos decorridos das práticas administrativas e governativas do império português nos seus territórios ultramarinos. Analisam-se as relações de poder na interface com o pensamento político que então se constituía nos quadros da administração portuguesa, como reação à política de territorialização da coroa portuguesa. Através de fontes administrativas, cartorárias e judiciárias, e de textos fundamentais da literatura reformista luso-brasileira, discute-se os problemas referentes à jurisdição da propriedade, as atividades do comércio e da agricultura. Trata-se, também, de avaliar a complexidade da governança econômica no ultramar, testando a hipótese da flexibilidade institucional necessária ao equilíbrio do império..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2012
A propriedade no pensamento dos memorialistas luso-brasileiros (séc. XVIII-XIX).
Descrição: Esta pesquisa trata da literatura memorialista de caráter agrarista entre fins do século XVIII e início do XIX de modo a apreender as interpretações sobre a propriedade antes do entendimento liberal que consagrou a fórmula plena e absoluta. As abundantes ?memórias econômicas? luso-brasileiras desse período permitem ao pesquisador traçar um perfil da economia mercantil colonial de modo a aclarar a compreensão da relação metrópole-colônia nos quadros do Império Atlântico Português. Destaca-se a importância dos pensadores reformistas para a escrita da história e, sobretudo, a obra de Luís dos Santos Vilhena como um representante do pensamento ilustrado e projetista da historiografia colonial. Objetiva-se, portanto, compreender os quadros mentais da sociedade do Antigo Regime, a cultura política e o cientificismo da época e, especificamente, identificar aspectos relacionados à apropriação das terras no Brasil, a legislação agrária e a dimensão do conflito rural em fins dos setecentos e início dos oitocentos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2011
A dimensão territorial na história social da propriedade no Brasil. 1795-1824.
Descrição: Esta pesquisa pretende contribuir para o levantamento de fontes administrativas e cartorárias para a história social da propriedade da terra no Brasil, através da análise do conjunto documental que compõem o Fundo do Juízo dos Feitos da Coroa e Fazenda, órgão da Mesa do Desembargo do Paço. Os documentos deste fundo serão analisados como possibilidades de se verificar a reação dos colonos-proprietários ao processo de territorialização da Coroa portuguesa desde final do século XVIII através de denúncias de invasões dos terrenos régios. Ao fazer uma denúncia a este órgão e reivindicar o suposto terreno devoluto, alguns colonos estariam criando novas territorialidades na transição da sociedade de Antigo Regime nos trópicos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
Brasil e Argentina em perspectiva comparada: espaços, sujeitos, políticas públicas e representações rurais contemporâneas.
Descrição: Os eixos norteadores deste projeto de cooperação científica entre o Brasil e a Argentina baseiam-se na discussão do espaço (incluindo regiões e fronteiras construídas socialmente); na identificação dos atores sociais (produtores agrícolas, técnicos, trabalhadores, etc); na análise das políticas públicas (tanto a nível nacional, estadual e municipal) e no registro das representações sobre o rural. A articulação desses eixos tem por propósito identificar mudanças e continuidades no tempo, bem como as semelhanças e as diferenças entre os dois países. Semelhanças e diferenças que os historiadores econômicos também especificam com convergências e divergências. Os resultados desta pesquisa pretendem converter-se em mostra das potencialidades comparativas da região. Conciliando abordagens micro e macro para conseguir compreender as continuidades e rupturas, políticas, econômicas, ideológicas etc, assim como visualizar pontos em comum do mundo rural da Argentina e Brasil que permitam explicar as sociedades correspondentes, as relações entre ambas e suas inserções capitalismo internacional..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (7) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Integrante / BESKOW, Gabriela Carames - Integrante / María Verónica Secreto - Coordenador / Betty Nogueira Rocha - Integrante / Marta Gomes Lucena - Integrante / C. Moreno - Integrante / Héctor Alimonda - Integrante / Maryanne Rizzo Correa da Costa Galvão - Integrante / Alcides Juvenal Ricotto - Integrante / Emmanuel Oguri Freitas - Integrante / María Verónica Secreto de Ferreras - Integrante.
2008 - 2009
Representações do mundo rural: viajantes, natureza e sociedade em Buenos Aires e no Rio de Janeiro na primeira metade do século XIX
Descrição: Trata-se de uma análise da iconografia argentina e brasileira, principalmente a produção artística de pintores-viajantes do início do século XIX que percorreram as cidades de Buenos Aires e Rio de Janeiro, sobretudo retratando ?vistas? ou cenas do cotidiano urbano e rural. Emeric Essex Vidal (1791-1861) e Johann Moritz Rugendas (1802-1858) são os artistas selecionados para esta investigação. Respectivamente, as publicações Ilustraciones pistorescas de Buenos Aires (1820) e Voyage pittoresque au Brésil (1835) fornecem os indícios para uma comparação tanto estética quanto histórica das cidades latino-americanas. Estas obras ficaram desconhecidas por muito tempo na América do Sul, mas serviram como propaganda para influenciar a imigração européia para os trópicos principalmente a partir da segunda metade do século XIX. No entanto, menos conhecidas são as imagens que produziram do mundo rural. Portanto, pretende-se identificar e selecionar as obras que retratam a sociedade rural e que foram produzidas durante as viagens que fizeram àquelas capitais nacionais na primeira metade do século XIX. O aspecto documental dessas obras permite a interpretação dos sentidos atribuídos à história, à natureza, ao ambiente rural e urbano da sociedade oitocentista e a instituição de um imaginário político sobre a sociedade latino-americana..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2007
Desenvolvimento Rural Sustentável no Município do Rio de Janeiro: O Caso de Guaratiba
Descrição: Esta pesquisa defende uma abordagem mais geral do conceito de desenvolvimento econômico, destacando os diferentes objetivos de intervenção a partir dos quais o poder público atua sobre um dado território. No caso, o município do Rio de Janeiro e a preservação de sua área rural, especificamente a região de Guaratiba. Propõe como hipótese a existência de dois mecanismos de desenvolvimento ligados a dinâmicas diferentes do capitalismo em sua dimensão local/global: a resistência de um rural agrícola hegemônico e outro estritamente direcionado para os novos arranjos produtivos locais. O aparecimento dos ?novos-rurais? é uma das conseqüências desta dinâmica. Na medida em que o Estado propõe um processo de desenvolvimento rural baseado na agricultura familiar, na concessão de créditos, na sustentabilidade, entende-se que o acesso à terra para a população de baixa renda deveria ser o pressuposto básico de qualquer política neste sentido. No entanto, essa alternativa social em relação à reestruturação produtiva, não tem priorizado a questão fundiária, tampouco consegue reduzir a exclusão social e promover o desenvolvimento humano. Recursos: Programa de Apoio à Pesquisa Discente CPDA/UFRRJ / Nead/MDA / ActionAid. Edital 2007/2..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2009
Posse e Propriedade da Terra no Brasil (séc.XVI - XIX)
Descrição: Estuda-se a forma como se deu a apropriação da terra no Brasil a partir da hipótese de que na base dos conflitos fundiários está latente uma confusão interpretativa entre dois institutos jurídicos, ou seja, a posse e a propriedade. Deste modo, é possível destacar algumas definições ou concepções sobre a posse e a propriedade ao longo da história, sobretudo as que influenciaram e definiram o curso das ações quando os conflitos fundiários chegaram aos tribunais. A metodologia utilizada descreve as cadeias sucessórias das propriedades rurais; o regime fundiário e a utilização do trabalho livre na Freguesia de Guaratiba da Corte do Rio de Janeiro desde a concessão da primeira sesmaria em 1579, revelando a dualidade da economia (mercantil/colonial), até o ano de 1889, tendo como fonte principal uma documentação de natureza diversa, sobretudo administrativa, cartorária e judiciária. O objeto principal da pesquisa é estabelecer aproximações históricas e jurídicas desde o regime sesmarial (da terra como privilégio) à transição para propriedade privada (da terra como mercadoria), a fim de entender os conflitos fundiários atuais à luz da história da formação da propriedade fundiária privada no Brasil..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2005
História e memoria dos conflitos fundiários nas antigas freguesias rurais do município do Rio de Janeiro: Guaratiba, Campo Grande e Santa Cruz (1890-1960).
Descrição: Esta pesquisa privilegia o estudo dos conflitos fundiários ocorridos nas antigas freguesias rurais da cidade do Rio de Janeiro, sobretudo o triângulo formado por Guaratiba, Campo Grande e Santa Cruz. O sertão carioca (atual zona oeste da cidade) é compreendido como região-memória, numa perspectiva historicamente informada acerca do processo econômico de incorporação e ocupação de fronteiras internas que diferenciavam a totalidade territorial do espaço da cidade. Busca-se recuperar a historicidade de movimentos sociais rurais em sua dinâmica própria, bem como compreender as estratégicas utilizadas pelos atores sociais envolvidos nos conflitos, sobretudo a partir da década de 1890-1960. Neste sentido, os documentos que se encontram em associações pioneiras como a União dos Lavradores, sediado em Campo Grande e a Sociedade dos Posseiros de Barra de Guaratiba, fundado nos anos 50, por exemplo, consolidam uma cultura plebéia, nos termos de E.P.Thompson, ao mesmo tempo em que revelam expressões de poder na luta dos trabalhadores rurais em assegurar o seu direito à terra.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Integrante / Cléia Schiavo Weyrauch - Coordenador / Fabio Costa Peixoto - Integrante / Ivan Francisco da Silva - Integrante / Dilson Miklos - Integrante / Nelson Ricardo Mendes Lopes - Integrante / Marta Gomes Lucena - Integrante / Márcia Frota Sigaud - Integrante / Maria Josefina Gabriel Sant'Anna - Integrante / Orlando de Barros - Integrante / Jayme Zettel - Integrante.
2001 - 2004
Centro de Referência e Documentação Histórica da Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro
Descrição: O projeto visa a consolidação de um centro de referência sobre a zona oeste do Rio de Janeiro, com ênfase na produção de pesquisas sobre a região. Tem realizados palestras e colóquios congregando vários pesquisadores de diversas especializadas para a promoção dos estudos e a recuperação da memória e história da zona oeste..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Integrante / Cléia Schiavo Weyrauch - Coordenador / Fabio Costa Peixoto - Integrante / Ivan Francisco da Silva - Integrante / Dilson Miklos - Integrante / Nelson Ricardo Mendes Lopes - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
2001 - 2002
Memória Familiar e Cenários de Cidade
Descrição: O projeto tem como objetivo destacar os cenários de cidade do Rio de Janeiro construídos a partir da memória familiar de um grupo de origem imigrante (europeu), considerando três gerações dessa família. As aproximações e distanciamentos entre o projeto de ascensão social da família e os espaços institucionais abertos na cidade pelo processo de modernização capitalista deixaram marcas na memória familiar que se projetaram no espaço urbano..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Integrante / Cléia Schiavo Weyrauch - Coordenador / Tarcísio Firmino da Silva - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Auxílio financeiro.
2000 - 2001
História e Memória da Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro
Descrição: O projeto tem ocmo objetivo resgatar a história e a memória da Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro através de diversas fontes, entre elas, as cartorárias, as iconográficas, o registro oral, etc, bem como a edição de mapas da região..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Integrante / Cléia Schiavo Weyrauch - Coordenador / Fabio Costa Peixoto - Integrante / Ivan Francisco da Silva - Integrante / Marta Gomes Lucena de Lima - Integrante.Financiador(es): Universidade do Estado do Rio de Janeiro - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2
2000 - 2001
Itinerâncias Urbanas no Brasil.
Descrição: Projeto Integrado de Pesquisa sob a coordenação geral da Profª Drª Barbara Freitag, da Universidade de Brasília. Este projeto aglutina pesquisas desenvolvidas por professores do IFCH/UERJ que tem em comum o estudo sócio-cultural da cidade do Rio de Janeiro, bem como pesquisadores da Universidade de Brasília e da Universidade Federal da Bahia. As equipes constituídas pretendem investigar as ?razões? que motivaram a freqüente transferência da capital do Brasil (desde 1500 até os nossos dias) e as conseqüências que tais transferências trouxeram consigo. Trata-se, pois, de saber, em que medida (e em que áreas) o ganho ou a perda da função de capital (de ser o centro decisório da sociedade, do país, da nação) afetou o desenvolvimento das cidades de Salvador, do Rio de Janeiro e de Brasília nos três registros: o urbanístico, o político e o das representações. O referido projeto teve seu início em julho de 2000, aprovado pelo CNPq, embora as equipes da Bahia e do Rio de Janeiro não tenham contado com o suporte financeiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1998 - 2001
Estratégias de Representação da Cidade na Ficção Contemporânea.
Descrição: A cidade, na sua trajetória como objeto, pode ser analisada a partir de textos em que a relação entre literatura e experiência urbana se faz presente. Propõe-se a leitura de textos ficcionais que enunciam uma legibilidade da metrópole contemporânea. Na prática, trata-se de verificar como os romances de Rubem Fonseca e de Jô Soares incorporam, através das personagens, caracterizações da cultura urbana hodierna e informam sobre a realidade social. A escolha desses autores justifica-se pela filiação de suas obras a um mesmo sistema de produção e consumo, o que permite levantar as estratégias de escrita como elemento de intervenção sobre a imagem da cidade. Esses textos, na tentativa de descrever ou narrar o espaço urbano da cidade do Rio de Janeiro, revelam um modo de produzir conhecimento sobre a cidade. As principais linhas de abordagem enfatizam a contextualização histórica e a análise sociológica do romance..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1996 - 1996
Os intelectuais forasteiros e a cidade do Rio de Janeiro
Descrição: Esta pesquisa pretende recuperar a experiência sócio-cultural de determinados indivíduos que representaram para si e para os outros uma idéia de cidade capital entre os anos 1940/60, através de sua inserção singular como forasteiros na cidade do Rio de Janeiro. Acompanhar o percurso de indivíduos que migraram para esta cidade e que apresentam uma produção intelectual reconhecidamente significativa nos meios acadêmicos e culturais permite uma compreensão da cidade capital como ?lugar do possível? e interpretá-la, na sua espacialidade, como ?território das possibilidades?. Nomes como Josué Montello, Ferreira Gullar, João Gilberto Noll e Carlos Scliar, como escritores, cada um deles representa uma síntese das alternativas históricas possíveis, pela via das biografias e ao nível das transformações da sociedade. Como especialistas, lançam sobre a capital um olhar tátil, responsável pela apreensão do cinestésico tecido urbano. Assim, Angel Vianna, Isabel Lustosa, Cícero Sandroni, Pedro Gomes, Luitgarde Cavalcanti, Ismênia Dantas, Alvaro Rocha, João Moura, José Maria Neves, Milton Teixeira, pensam a cidade identificada e construída como tema. Pretende-se buscar os pontos de contato entre a objetividade da cidade e a subjetividade intelectual potencializadora das intervenções estéticas e ideológicas sobre a capital. Para isso faz-se necessário, primeiro, a elaboração de um perfil bio-bibliográfico dos intelectuais para em seguida tentar compreender: o prestígio mítico das cidades capitais; a capital e a experiência cultural; o papel dos escritores (intelectuais) e suas intenções sociais; o território e os usos sociais; a memória migrante e o imaginário social; a experiência do estranhamento; a imagem literária do estrangeiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2010 - 2011
O Direito em (inter)ação: vamos fazer juntos.
Descrição: O Projeto em pauta busca uma interação efetiva de ações desenvolvidas por participantes dos Cursos de Direito, Administração e Turismo, congregados no DAT ? Departamento de Administração e Turismo do IM ? Instituto Multidisciplinar / Nova Iguaçu, da UFRRJ. As atividades propostas justificam-se pela necessidade de ampliação do apoio que vem sendo prestado à comunidade do Aventureiro, na Ilha Grande / RJ, através de projeto de pesquisa até então congregando membros dos cursos de Turismo e Administração do IM, nesta Universidade. A partir de exposições de profissionais das áreas citadas, relatando pendências que tocam à área jurídica, pretende-se estabelecer mais um elemento de suporte para melhor qualidade de vida dos moradores supracitados ? numa consciência interativa, lastreada na comprovação de que um desempenho conjunto faz-se e será sempre necessário para o melhor alcance dos bons propósitos do referido projeto, além de outros que venham a ser desenvolvidos..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (13) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Integrante / Gislane Narciso Pantoja - Coordenador / Mônica do Nascimento Tavares Magalhães - Integrante / Denise dos Santos Poncio - Integrante / Deividson do Nascimento Menêses - Integrante / Paola Fernandes de Castro - Integrante / Chrystiane Rose dos S. Soares - Integrante / Raul Barbosa de Souza - Integrante / Rafaela dos Santos Silva - Integrante / Esther de Oliveira Gomes - Integrante / Paula Fernanda Kratochwill de Oliveira - Integrante / Leonardo Lenine Almeida - Integrante / Priscila Simas Moraes - Integrante / Bruno de Oliveira Valverde - Integrante.
2000 - 2001
Projeto São Cristovão: Memória, História e Cultura.
Descrição: Trata-se de reafirmar a preocupação com os bairros do entorno da universidade, dando continuidade ao projecto anteriormente desenvolvido que resultou na publicação do livro Tijuca: memória, história e cultura. Busca-se assim promover um debate amplo sobre a história, a memoria e as identidades do bairro de São Cristovão, no intuito de compreender a sua inserção singular na cidade do Rio de Janeiro. Os alunos estarão envolvidos no trabalho de documentar o cotidiano do bairro, através de entrevistas, pesquisa bibliográfica, levantamento documental em arquivos públicos e privados. Um dos resultados esperados é a publicação de um livro com a participação de pesquisadores da UERJ, estudiosos de diversas áreas e moradores do bairro..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2000 - 2000
Projeto Cinema e Cultura.
Descrição: Entendo o cinema como um grande meio de comunicação, o projeto Cinema e Cultura tem como objetivo a divulgação do cinema nacional e a formação de público. Traz para a universidade cineastas consagrados, produtores, roteiristas, novos diretores e as produções mais recentes, o projeto contribuiu para a manutenção de uma boa imagem entre instituição e sociedade, através da divulgação prioritária do cinema nacional, das suas produções mais recentes e premiadas internacionalmente, da disseminação da cultura brasileira..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Coordenador / Marta Gomes Lucena de Lima - Integrante / Maria Rodrigues - Integrante / Diogo Teixeira Gonçalves - Integrante / Janaina de Oliveira Garcia - Integrante.
1999 - 2000
Projeto Cidadania Cultural.
Descrição: Projeto que reforça o compromisso social da universidade integrando as actividades de ensino, pesquisa e extensão. Realização de seminários e palestras nos anfiteatros dos campi e demais unidades da UERJ, que continuaram a ser o palco privilegiado para a discussão e análise de acontecimentos e personalidades importantes para a memória política e cultural da cidade e do país..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Coordenador / Marta Gomes Lucena - Integrante / Adriano da Silva Simões - Integrante / Claudio Costa Lima - Integrante / Alipio do Carmo - Integrante / Dilva Eliana Gonçalves - Integrante.
1999 - 2000
Projeto Cinema na Concha.
Descrição: Trata-se de ampliar as parcerias com os produtores e cooperativas de cinema, visando a exibição de filmes recém lançados no mercado brasileiro. Durante os eventos, os cineastas, produtores e atores conversam com o público sobre os caminhos do cinema nacional, as novas perspectivas de produção do mercado audiovisual, as inovações tecnológicas que atingem essa linguagem. O projeto tem custo zero para a universidade, pois as despesas principais como o pagamento de projecionista, copiagem de filmes para formato VHS são custeadas pelas próprias produtoras. Oferece-se à comunidade universitária e externa espetáculos cinematográficos de alta qualidade. O projeto obteve o retorno de um público muito expressivo alcançando as escolas de ensino médio do Estado e Município do Rio de Janeiro, desenvolvendo o interesse cultural como instrumento pedagógico..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Maria Sarita Cristina Mota - Coordenador / Diogo Teixeira Gonçalves - Integrante / Rachel Livio - Integrante / Kathryn Valdrighi - Integrante / Alexsander Noronha de Albuquerque - Integrante / Adriano da Silva Simões - Integrante / Claudio Costa Lima - Integrante.
1999 - 1999
Projeto Tijuca: Memória, História e Cultura.
Descrição: O Projeto Tijuca: Memória, História e Cultura busca refletir sobre as principais questões sociais que se apresentam na chamada ?Grande Tijuca? nos dias de hoje. Partindo de uma abordagem multidisciplinar, pretende reunir a produção intelectual de vários pesquisadores no intuito de estender à população carioca as análises acadêmicas. A referida região compreende duas Regiões Administrativas: a VIII (Tijuca) e IX (Vila Isabel). Na VIII RA encontramos a Tijuca, a Praça da Bandeira, e Alto da Boa Vista, com um total de 194.483 habitantes em 1991. Na IX RA estão os bairros de Vila Isabel, Maracanã, Andaraí e Grajaú, com 198.817 moradores (IplanRIO, 1991). Esta região foi escolhida para a implantação do projeto Agenda Social Rio, que visa integrar as favelas aos seus respectivos bairros. Os bairros em foco, em diferentes graus, sofrem com diversos problemas urbanos, os quais deixam a sua população insegura e perplexa, em busca de soluções. A preocupação com a ?Grande Tijuca? surge no momento em que a Universidade do Estado do Rio de Janeiro compreende-se como parte desta importante região da cidade. A Universidade pretende contribuir com o debate público, sobre seus problemas, através de análises de âmbito social, político e econômico. Contando, para tal, com a iniciativa da Linha de Pesquisa Memória, Espaço Urbano e Cultura, do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais e a contribuição de pesquisadores de diferente áreas do saber, que realizam pesquisas sobre a Tijuca e circunvizinhanças..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Membro de corpo editorial


2015 - Atual
Periódico: Revista Missões (UNIPAMPA)
2011 - Atual
Periódico: Revista História (UFBA)


Revisor de periódico


2011 - Atual
Periódico: Revista de História (Salvador)
2016 - 2016
Periódico: Revista CEM (CITCEM, Porto)
2016 - 2016
Periódico: Portuguese Journal of Social Science
2017 - 2017
Periódico: LER HISTÓRIA
2018 - Atual
Periódico: História: Revista da Faculdade de Letras (Universidade do Porto)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Moderna e Contemporânea.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Colônia.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil/Especialidade: História do Brasil Império.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da propriedade.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História agrária.
6.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Ambiental.


Idiomas


Inglês
Compreende BemLê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende BemLê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2012
Bolsa de Pós-Doutorado, Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT-Portugal).
2008
Bolsa de Investigação, Ministerio da Ciencia, Tecnologia y Innovación Productiva da Argentina (Mincyt).
2007
Bolsa Auxílio à Pesquisa Discente, Action-Aid/Ministério do Desenvolvimento Agrário.
2002
Bolsa de Apoio Técnico, FAPERJ.
1998
Bolsa de Mestrado, Capes.
1997
Bolsa de Extensão Universitária, DEPEXT/SR-3/UERJ.
1996
Bolsa de Iniciação Científica, Pibic/CNPq.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Outras
Total de trabalhos:20
Total de citações:32
Mota, Maria Sarita  Data: 03/04/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
MOTA, Maria Sarita2012MOTA, Maria Sarita. Sesmarias e propriedade titulada da terra: o individualismo agrário na América Portuguesa. Saeculum (UFPB), v. 1, p. 29-44, 2012.

2.
PEIXOTO, Fabio Costa2010PEIXOTO, Fabio Costa ; MOTA, Maria Sarita . A questão da identidade no decorrer da construção dos processos de patrimonialização das cidades: Santa Teresa e Alfama. Perspectiva Sociológica, v. 3, p. 1-16, 2010.

3.
MOTA, Maria Sarita2007MOTA, Maria Sarita. Cruzando fronteiras: a Expedição Científica do Instituto Oswaldo Cruz e a Expedição Roncador-Xingu. Revista IDEAS, v. 1, p. 8-22, 2007.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MOTA, Maria Sarita; WEYRAUCH, Cléia Schiavo (Org.) . Tijuca: memória, história e cultura. Rio de Janeiro: UERJ:Decult, 1999. 161p .

Capítulos de livros publicados
1.
MOTA, Maria Sarita. De la propiedad ciudadana: estratificación social, seguridad jurídica y función social de la propiedad de la tierra en Brasil, 1850-1950. In: Álvarez, Salvador; Menegus, Margarita; Tortolero, Alejandro (Ed.).. (Org.). Derechos de Propiedad y Crecimiento Económico en la Historia Agraria: contribuciones para una perspectiva comparada en América y Europa. 1ªed.Santa Marta: Universidad del Magdalena, 2018, v. , p. 259-285.

2.
MIRANDA, LUCIANA L. ; MOTA, Maria Sarita . Proprietários rurais de Uberlândia e a política agrícola modernizadora (1960-1985). In: ANDRADE, Vitória Schettini de; LAMAS, Fernando Gaudereto; FIALHO SILVA, Rodrigo (Orgs.). (Org.). As várias faces de Minas: traços locais e regionais.. 1ªed.Belo Horizonte: UEMG, 2017, v. , p. 82-126.

3.
MOTA, Maria Sarita. Cidadania, direitos de propriedade da terra e mudança social: notas para o estudo do Juízo de Paz no Rio de Janeiro oitocentista. In: VAZELESK, Vanderlei. SECRETO, María Verónica (Orgs.). (Org.). Agrarismos. Estudos de História e Sociologia do Mundo Rural Contemporâneo. 1ªed.Rio de Janeiro: Mauad X Editora Ltda, 2017, v. 1, p. 209-234.

4.
MOTA, Maria Sarita. Mudança legislativa e continuum rural-urbano no Brasil: O Rio de Janeiro no século XIX. In: BARCOS, Fernanda; LANTERI, Sol; MARINO, Daniela. (Org.). Tierra, Agua y Monte. Estudios sobre derechos de propiedad en América, Europa y África, siglos XIX-XX. 1ªed.Buenos Aires: Editorial Teseo, 2017, v. 1, p. 337-380.

5.
MOTA, Maria Sarita. Mata Atlântica (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2015, v. 1, p. 1-1.

6.
MOTA, Maria Sarita. Manguezal (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2015, v. 1, p. 1-1.

7.
MOTA, Maria Sarita. Pau-brasil (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2015, v. 1, p. 1-1.

8.
MOTA, Maria Sarita; CESCO, S. . Terras, Homens e Alimentos no Rio de Janeiro e na Ilha de Santa Catarina nos séculos XVIII e XIX.. In: Brandão, Tanya; Christillino, Cristiano.. (Org.). Nas bordas da plantation: agricultura e pecuária no Brasil Colônia e Império. 1ed.Recife: Editora da UFPE, 2014, v. 1, p. 111-153.

9.
MOTA, Maria Sarita. Apropriação econômica da natureza em uma fronteira do império atlântico português (Rio de Janeiro, século XVII). In: José Vicente Serrão, Bárbara Direito, Eugénia Rodrigues, Susana Münch Miranda. (Org.). Property Rights, Land and Territory in the European Overseas Empires. 1ed.Lisboa: CEHC-IUL, 2014, v. 1, p. 43-53.

10.
MOTA, Maria Sarita. Hipoteca (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2014, v. , p. 1-1.

11.
MOTA, Maria Sarita. Negro da terra (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ed.Lisboa: CEHC-IUL, 2014, v. 1, p. 1-1.

12.
MOTA, Maria Sarita. Sesmaria dos sobejos (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2014, v. 1, p. 1-1.

13.
MOTA, Maria Sarita; MACHADO, M. M. . Legislações e Terras. In: Márcia Motta; Elione Guimarães. (Org.). (Org.). Propriedades e Disputas: fontes para a história do oitocentos. 1ed.Guarapuava; Niterói: UNICENTRO/EDUFF, 2011, v. , p. 253-263.

14.
MOTA, Maria Sarita; SECRETO, M. V. . Escritura de doações de terras. In: MOTTA, Márcia; GUIMARÃES, Elione (Orgs.).. (Org.). Propriedades e Disputas: fontes para a história do oitocentos. Guarapuava; Niterói: UNICENTRO; UDUFF, 2011, v. , p. 43-47.

15.
MOTA, Maria Sarita; SECRETO, M. V. . Juízo dos Feitos da Coroa e Fazenda. In: MOTTA, Márcia; GUIMARÃES, Elione (Orgs.). (Org.). Propriedades e Disputas: fontes para a história do oitocentos. Guarapuava; Niterói: UNICENTRO; EDUFF, 2011, v. , p. 61-63.

16.
MOTA, Maria Sarita; SECRETO, M. V. . Ação de Servidão. In: MOTTA, Márcia; GUIMARÃES, Elione (Orgs.). (Org.). Propriedades e Disputas: fontes para a história do oitocentos. Guarapuava; Niterói: UNICENTRO; EDUFF, 2011, v. , p. 97-101.

17.
MOTA, Maria Sarita; SECRETO, M. V. . Injúrias. In: MOTTA, Márcia; GUIMARÃES, Elione (Orgs.). (Org.). Propriedades e Disputas: fontes para a história do oitocentos. Guarapuava; Niterói: UNICENTRO; EDUFF, 2011, v. , p. 129-131.

18.
MOTA, Maria Sarita; SECRETO, M. V. . Por última vontade: doação e propriedade no oitocentos. In: MOTTA, Márcia; SECRETO, María Verónica (Orgs). (Org.). O Direito às Avessas: Por uma História Social da Propriedade. Guarapuava;Niterói: UNICENTRO; EDUFF, 2011, v. , p. 157-190.

19.
BESKOW, Gabriela Carames ; MOTA, Maria Sarita . O governo Vargas e a regulação do trabalho: ciência e tecnologia na formação do trabalhador ideal. In: DELGADO, Silvana Figueroa; DAZA, Germán Sánches; CARMONA, Alejandra Vidales.. (Org.). La ciencia y tecnología en el desarollo: una visón desde América Latina. 1ed.Zacatecas: Universidad Autónoma de Zacatecas, 2009, v. 1, p. 73-86.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
MOTA, Maria Sarita. Derechos de propiedad, cambios territoriales y continua rural-urbano en Brasil en el silo XIX. In: XV Congreso de Historia Agraria de la SEHA / V Encontro Rural Report, 2016, Lisboa. Old and new worlds: the global challenges of rural history. Lisboa: ISCTE, 2016. p. 1-11.

2.
MOTA, Maria Sarita. Territorialidades políticas e direitos de propriedade na América portuguesa. In: XXVII Simpósio Nacional de História, 2013, Natal. Conhecimento Histórico e Diálogo Social, 2013.

3.
MOTA, Maria Sarita. Propriedade e pensamento político na América Portuguesa em fins do século XVIII. In: XXVI Simpósio Nacional de História, 2011, São Paulo. XXVI Simpósio Nacional de História. São Paulo: ANPUH, 2011.

4.
MOTA, Maria Sarita. Estratégias de manutenção do patrimônio na economia colonial: O Rio de Janeiro, séculos XVI-XVIII. In: Congresso Internacional da Pequena Nobreza nos Impérios Ibéricos de Antigo Regime, 2011, Lisboa. Congresso Internacional da Pequena Nobreza nos Impérios Ibéricos de Antigo Regime. Lisboa: Instituto de Investigação Científica Tropical, 2011.

5.
MOTA, Maria Sarita. Direitos de propriedade no Brasil: uma visão histórica. In: II Encontro Internacional de Ciências Sociais, 2010, Pelotas. II Encontro Internacional de Ciencias Sociais - As ciencias Sociais e os Desafios do sec XXi. Pelotas: UFPel, 2010. v. 1.

6.
LOPES, Nelson Ricardo Mendes ; MOTA, Maria Sarita . Milícias e segregação sócio-territorial na zona oeste do município do Rio de Janeiro. In: 12º Encuentro de Geógrafos de América Latina, 2009, Montevideo. Caminando en una América Latina en transformación. Montevideo: Imprenta Gega, 2009. v. 1. p. 63-63.

7.
PEIXOTO, Fabio Costa ; MOTA, Maria Sarita . Novas territorialidades rurais e urbanas no município do Rio de Janeiro. In: 2º Simpósio Nacional o Rural e o Urbano no Brasil, 2009, Rio de Janeiro. 2º Simpósio Nacional o Rural e o Urbano no Brasil, 2009.

8.
MOTA, Maria Sarita. O pobre posseiro e o orgulhoso sesmeiro: identidades rurais e acesso à terra no Rio de Janeiro no século XIX. In: XXV Simpósio Nacional de História, 2009, Fortaleza. XXV Simpósio Nacional de História: História e Ética, 2009. v. 1. p. 295-295.

9.
PEIXOTO, Fabio Costa ; MOTA, Maria Sarita . Novas urbanidades e territorialidades no município do Rio de Janeiro. In: Simpósio Nacional de Geografia Urbana, 2009, Brasília. Vintes anos de reflexões sobre o urbano e a cidade: transformações e tendências, 2009.

10.
MOTA, Maria Sarita. Desenvolvimento Rural Sustentável no Município do Rio de Janeiro: os "novos rurais" em Guaratiba. In: I Encontro Internacional de Ciências Sociais, 2008, Pelotas, RS. III Encontro de Ciências Sociais do Sul: Democracia, Desenvolvimento, Identidade. Pelotas: UFPEL-FAU, 2008. v. 1.

11.
LOPES, Nelson Ricardo Mendes ; PEIXOTO, Fabio Costa ; MOTA, Maria Sarita . Autodefesas comunitárias? O poder paralelo nos bairros do subúrbio do Rio de Janeiro. In: IX Congreso Argentino de Antropologia Social, 2008, Posadas, Missiones. Fronteras de la Antropologia. Posadas, Missiones: CAAS, 2008. v. 1.

12.
MOTA, Maria Sarita. Interpretando os mecanismos de transmissão da propriedade: as doações de terras no século XVIII e XIX. In: XIII Encontro de História Anpuh-Rio, 2008, Seropédica,RJ. Identidades. Rio de Janeiro: Anpuh-Rio, 2008. v. 1. p. 335-335.

13.
MOTA, Maria Sarita. Posesión y propriedad de la tierra en Brasil: de las cerimonias de posesión en el descubrimiento a la propriedad privada. In: XXI Jornadas de Historia Económica, 2008, Caseros, Buenos Aires. XXI Jornadas de Historia Económica. Buenos Aires: Asociacion Argentina de Historia Economica, 2008. p. 13-13.

14.
Beskow, Gabriela Carames ; MOTA, Maria Sarita . O governo Vargas e a regulação do trabalho: ciência e tecnologia na formação do trabaçhador ideal. In: Congreso Internacional. Ciencias, tecnologías y Cultura. Diálogo entre las disciplinas del conocimiento. Mirando al futuro de América Latina y el Caribe, 2008, Santiago De Chile. Congreso Internacional Ciencias, Tecnologías y Cultura. Diálogo entre las disciplinas del conocimiento. Mirando al futuro de América Latina y el Caribe, 2008. p. 9-10.

15.
MOTA, Maria Sarita. Regularização fundiária e patrimônio da União na zona oeste do município do Rio de Janeiro. In: XXIV Simpósio Nacional de História, 2007, São Leopoldo, Porto Alegre. História e Multidisciplinaridade: territórios e deslocamentos. Porto Alegre: Oikos, 2007. p. 221-221.

16.
MOTA, Maria Sarita. O inferno são os outros? Espaços incivilizados versus espaços de alteridade na cidade global. In: VII Reunião de Antropologia do Mercosul, 2007, Portp Alegre. Desafios antropológicos, 2007. p. 59-60.

17.
MOTA, Maria Sarita. Donos das letras, donos do poder: o papel dos tabeliães na sociedade colonial brasileira. In: II Enocntro da Rede de Estudos Rurais, 2007, Rio de Janeiro. Tecendo o intercâmbio: o desafio do conhecimento sobreo mundo rural, 2007.

18.
MOTA, Maria Sarita. O diário de Getúlio Vargas: a literatura confessional entre a ficção e a história. In: 13 Encontro de Ciências Sociais Norte e Nordeste, 2007, Maceió. Cultura, Identidade e Diferença, 2007.

19.
MOTA, Maria Sarita. Desenvolvimento Rural Sustentável no Município do Rio de Janeiro: O Caso de Guaratiba. In: X Simpósio Nacional de Geografia Urbana, 2007, Florianópolis. Trajetórias da Geografia Urbana no Brasil: tradições e perspectivas, 2007.

20.
Marta Gomes ; MOTA, Maria Sarita . Rio de Janeiro, Buenos Aires e Montevidéu nas guerras cisplatinas. A consolidação de um território transnacional no século XIX. In: 1er Congresso Latinoamericano de História Econômica. 4ªs Jornadas Uruguayas de História Económica, 2007, Montevideo. 1er Congresso Latinoamericano de História Econômica. 4ªs Jornadas Uruguayas de História Económica, 2007.

21.
MOTA, Maria Sarita. Saberes rurais: o caso da fazenda modelo e das escolas rurais do sertão carioca. In: I Encontro da Rede de Estudos Rurais, 2006, Rio de Janeiro. Rede de Estudos Rurais, 2006.

22.
MOTA, Maria Sarita. Imagens do mundo rural nas fotografias de Augusto e Aristogiton Malta (1920-1930). In: XII Encontro Regional de História, 2006, Niterói, Rio de Janeiro. ANPUH-Rio, 2006.

23.
MOTA, Maria Sarita; PEIXOTO, Fabio Costa . O continuum rural-urbano na formação da zona oeste do município do Rio de Janeiro. In: IX Seminário de História da Cidade e do Urbanismo, 2006, São Paulo. ANPUR, 2006.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MOTA, Maria Sarita. Conflitos de propriedade na América portuguesa: a atuação do Juízo dos Feitos da Coroa e Fazenda nas disputas por terras na cidade do Rio de Janeiro. In: XXXII Encontro da Associação Portuguesa de História Económica e Social., 2012, Lisboa. A construção da fortuna e do malogro - perspectivas históricas, 2012. v. 1. p. 8-8.

2.
PEIXOTO, Fabio Costa ; MOTA, Maria Sarita . Alfama e Santa Teresa: a reconstrução do passado através da memória social, do património urbano e da identidade local. In: XXIX Encontro da Associação Portuguesa de História Económica e Social, 2009, Porto. Memórias Sociais, Patrimónios e Identidades, 2009. v. 1.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MOTA, Maria Sarita. Derechos de propiedad, cambios territoriales y continua rural-urbano en Brasil en el siglo XIX. In: XV Congreso de Historia Agria de la SEHA / V Encontro Rural Report, 2016, Lisboa. Old and new worlds: the global challenges of rural history. Lisboa: ISCTE, 2016. p. 26-27.

2.
MOTA, Maria Sarita. A floresta tropical brasileira como fronteira e construção social na época moderna. In: 4th CITCEM Conference, 2015, Porto. Crossing borders: connecting edges of environmental history. Porto: CITCEM/REPORT(A), 2015. v. 1. p. 95-96.

3.
MOTA, Maria Sarita. Terra e conflito: a jurisdicionalização da propriedade na América portuguesa. In: Colóquio Brasil, século XVIII. Terra e Território, 2012, Lisboa. Colóquio Brasil, século XVIII. Terra e Território, 2012.

4.
MOTA, Maria Sarita. Propriedade, estrutura fundiária e conflitos sociais no Brasil no século XIX. In: II Encontro Rural Report - Rede de História Rural em Português, 2012, Penela. II Encontro Rural Report - Rede de História Rural em Português, 2012. p. 11-11.

5.
MOTA, Maria Sarita. Premissas teórico-metodológicas para uma história social da propriedade em construção: as concepções dos direitos de propriedade em Paolo Grossi e Rosa Congost. In: IV Encontro Internacional de História Colonial, 2012, Belém. IV Encontro Internacional de História Colonial. Belém: Paka-Tatu, 2012. v. 1. p. 61-62.

6.
MOTA, Maria Sarita. Estratégias de manutenção do patrimônio na economia colonial: O Rio de Janeiro, séculos XVI-XVIII. In: Congresso Internacional da Pequena Nobreza nos Impérios Ibéricos de Antigo Regime, 2011, Lisboa. Cadernos de Resumos. Lisboa: Instituto de Investigação Científica Tropical, Centro Científico e Cultural de Macau, 2011. v. 1. p. 67-67.

7.
MOTA, Maria Sarita. A dimensão territorial na história social da propriedade. In: XIV Encontro Regional da ANPUH-Rio, 2010, Rio de Janeiro. Memória e Patrimônio. Rio de Janeiro, 2010. v. 1.

8.
MOTA, Maria Sarita. A propriedade no pensamento de um colono ilustrado: Luís dos Santos Vilhena, final do século XVIII. In: VIII Congreso Latinoamericano de Sociologia Rural, 2010, Recife. América Latina: realineamentos políticos y proyectos en disputa. Recife: ALASRU, 2010. v. 1.

9.
PEIXOTO, Fábio Costa ; MOTA, Maria Sarita . Uma contribuição para o ensino de História da Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro. In: V Encontro Nacional Perspectivas do Ensino de História, 2004, Rio de Janeiro. V Encontro Nacional Perspectivas do Ensino de História: Sujeitos, Saberes e Práticas, 2004. p. 89-90.

10.
MOTA, Maria Sarita. Retratos do Rio de Janeriro por seus intelectuais. In: 6ª Semana de Inciação Científica, 1997, Rio de Janeiro. 6ª Semana de Iniciação Científica. Rio de Janeiro: UERJ-DCARH, 1997. v. 1. p. 265-265.

Apresentações de Trabalho
1.
MOTA, Maria Sarita. Entre la norma y la práctica: estrutura agraria y formas de propiedad en Río de Janeiro durante la crisis final del esclavismo. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
MOTA, Maria Sarita. Property rights in Brazil: a historiographical balance of the last 10 years.. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
MOTA, Maria Sarita. Sujeição e Vassalagem: presença e resistência indígenas na cidade atlântica do Rio de Janeiro colonial,. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
MOTA, Maria Sarita. Derechos de propiedad, cambios territoriales y continua rural-urbano en Brasil en el sigo XIX. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
MOTA, Maria Sarita. Terra, natureza e trabalho em espaços fronteiriços. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
MOTA, Maria Sarita. A presença da floresta tropical nos autos de correições dos ouvidores gerais do Brasil (1624-1699). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
MOTA, Maria Sarita. Os direitos de propriedade na formação do espaço urbano (Rio de Janeiro, séculos XVI e XVII). 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
MOTA, Maria Sarita. Terra, Poder e Territorialidades na América portuguesa. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
MOTA, Maria Sarita. A floresta tropical brasileira como fronteira e construção social na época moderna. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
MOTA, Maria Sarita. Da propriedade do cidadão: estratificação social, segurança jurídica e função social da propriedade fundiária no Brasil entre 1850-1950.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
MOTA, Maria Sarita. Apropriação econômica da natureza: o Rio de Janeiro no século XVII.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
MOTA, Maria Sarita. Direitos de propriedade e conflitos socioambientais em uma fronteira do império Atlântico português. A Capiitania Real do Rio de Janeiro, século XVII. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

13.
MOTA, Maria Sarita. Territorialidades políticas e direitos de propriedade na América portuguesa. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

14.
MOTA, Maria Sarita. Barreiros, pelames e canaviais: produção rural, impactos ambientais e conflitos de terras na Capitania Real do Rio de Janeiro, século XVII. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
MOTA, Maria Sarita. Propriedade, estrutura fundiária e conflitos sociais no Brasil no século XIX. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
ROCHA, Betty N. ; MOTA, Maria Sarita . Cidadania, novas ruralidades e processos de desenvolvimento na Baixada Fluminense (Rio de Janeiro - Brasil). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
ROCHA, Betty N. ; MOTA, Maria Sarita . Agribusiness cities: trajectories and discourses on the brazilian Amazon. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
MOTA, Maria Sarita. Terra e conflito: a jurisdicionalização da propriedade na América Portuguesa. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
MOTA, Maria Sarita; CESCO, Susana. . La plantation e le Città nell'America Portoghese. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
MOTA, Maria Sarita. Terra, Poder e Territorialidades na América Portuguesa (c.1770-1822). 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

21.
MOTA, Maria Sarita. Conflitos de propriedade na América portuguesa: a atuação do Juízo dos Feitos da Coroa e Fazenda nas disputas por terras na cidade do Rio de Janeiro. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
MOTA, Maria Sarita. Premissas teórico-metodológicas para uma história social da propriedade em construção: as concepções dos direitos de propriedade em Paolo Grossi e Rosa Congost. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
MOTA, Maria Sarita. Estratégias de manutenção do patrimônio na economia colonial: O Rio de Janeiro, séculos XVI-XVIII. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
MOTA, Maria Sarita. Propriedade e pensamento político na América Portuguesa em fins do século XVIII. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
MOTA, Maria Sarita. A dimensão territorial na história social da propriedade. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
MOTA, Maria Sarita. A propriedade no pensamento de um colono ilustrado: Luís dos Santos Vilhena, final do século XVIII. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

27.
MOTA, Maria Sarita. Direitos de propriedade no Brasil: uma visão histórica. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
MOTA, Maria Sarita. Guaratiba histórica. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
MOTA, Maria Sarita; LOPES, N. R. M. . Milícas e segregação sócio-territorial na zona oeste do município do Rio de Janeiro. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

30.
MOTA, Maria Sarita; PEIXOTO, Fabio Costa . Novas Urbanidades e Territorialiades no Município do Rio de Janeiro. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

31.
MOTA, Maria Sarita. O pobre posseiro e o orgulhoso sesmeiro: identidades rurais e acesso à terra no Rio de Janeiro no século XIX. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

32.
MOTA, Maria Sarita. Novas territorialidades rurais e urbanas no município do Rio de Janeiro. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
MOTA, Maria Sarita; LOPES, N. R. M. ; PEIXOTO, Fabio Costa . Autodefesas comunitárias? O poder paralelo nos bairros do subúrbio do Rio de Janeiro. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

34.
Beskow, Gabriela Carames ; MOTA, Maria Sarita . O governo Vargas e a regulação do trabalho: ciência e tecnologia na formação do trabalhador ideal. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

35.
MOTA, Maria Sarita. Posesión y propiedad de la tierra en Brasil. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

36.
MOTA, Maria Sarita. Interpretando os mecanismos de transmissão da propriedade: as doações de terras no século XVIII e XIX. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

37.
MOTA, Maria Sarita. Regularização fundiária e patrimônio da União na zona oeste do município do Rio de Janeiro. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

38.
MOTA, Maria Sarita. O inferno são os outros? Espaços incivilizados versus espaços de alteridade na cidade global. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

39.
MOTA, Maria Sarita; LUCENA, M. G. . Rio de Janeiro, Buenos Aires e Montevidéu nas guerras cisplatinas. A consolidação de um território transnacional no século XIX. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

40.
MOTA, Maria Sarita. Desenvolvimento Rural Sustentável no Município do Rio de Janeiro: o caso de Guaratiba. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
MOTA, Maria Sarita. Donos das letras, donos do poder: o papel dos tabeliães na sociedade colonial brasileira. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

42.
MOTA, Maria Sarita. Saberes rurais: o caso da fazenda modelo de das escolas rurais do sertão carioca. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

43.
MOTA, Maria Sarita; PEIXOTO, Fabio Costa . O continuum rural-urbano na formação da zona oeste do município do Rio de Janeiro. 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

44.
MOTA, Maria Sarita. Imagens do mundo rural nas fotografias de Augusto e Aristogiton Malta (1920-1930). 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

45.
MOTA, Maria Sarita; PEIXOTO, Fabio Costa . Uma Contribuição para o Ensino de História da Zona Oeste do Município do Rio de Janeiro. 2004. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

46.
MOTA, Maria Sarita. Estratégias de Representação da Cidade na Ficção Contemporânea. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

47.
MOTA, Maria Sarita. Tijuca: Memória, História e Cultura. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

48.
MOTA, Maria Sarita. Retratos do Rio de Janeiro por seus intelectuais. 1997. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
MOTA, Maria Sarita. História dos conflitos fundiários no município do Rio de Janeiro: freguesia de Guaratiba (séculos XVI-XX). Rio de Janeiro: CPDA/UFRRJ, 2007 (Monografia).

2.
MOTA, Maria Sarita; WEYRAUCH, Cléia Schiavo . Tijuca: memória, história e cultura. Rio de Janeiro, 1999. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
MOTA, Maria Sarita. Cinema e Política. Mostra e Seminário. 2010.

2.
MOTA, Maria Sarita. Forasteiros construtores da modernidade. 2002.

3.
MOTA, Maria Sarita. Programação Cultural SESC-Ramos.. 2002.

4.
MOTA, Maria Sarita. Grupo Galpão: uma história de mitos e ritos. 2001.

5.
MOTA, Maria Sarita. JK: 1902-1976. 2001.

6.
MOTA, Maria Sarita. Rio de Janeiro: capital e capitalidade. 2001.

7.
WEYRAUCH, Cléia Schiavo ; MOTA, Maria Sarita . Termos de Referência Para Elaboração do Plano de Desenvolvimento Rural do Município do Rio de Janeiro. 2001.

8.
WEYRAUCH, Cléia Schiavo ; MOTA, Maria Sarita . Estudo Propositivo para a Valorização Patrimonial da Baixada de Guaratiba-Sepetiba. 2001.

9.
WEYRAUCH, Cléia Schiavo ; MOTA, Maria Sarita . Estudo Preliminar para a elaboração do projeto para o Centro de Referência da História e Memória da Zona Oeste, em parceira com o Centro Universitário Moacir Sreder Bastos. 2001.

10.
MOTA, Maria Sarita; LUCENA, M. G. . Implementação de intercâmbios e parcerias com instituições para desenvolvimento de projetos sócio culturais (UERJ, Canal Futura, Sesc-Senac). 2001.

11.
MOTA, Maria Sarita; LUCENA, M. G. . Elaboração e Formatação de Projetos Socioculturais.. 2001.

12.
MOTA, Maria Sarita; Dilson Miklos . Sessão universitária a Eliseth Cardoso. 2000.

13.
Correia, R. ; MOTA, Maria Sarita ; LUCENA, M. G. ; Silva, Célia R. ; Dilson Miklos ; Efi, J. ; SANTOS, L.C. ; Rodrigues, K. . TV N?Ativa ? Organização Não Governamental.. 2000.

14.
MOTA, Maria Sarita. Yves Simon:Escritura e Música. 2000.

15.
MOTA, Maria Sarita; Marta Gomes . TV UERJ - Programa Agenda Cultural. 1999.

16.
MOTA, Maria Sarita. Série Depoimentos: Pixinguinha. 1997.

Trabalhos técnicos
1.
MOTA, Maria Sarita. Parecer Revista CEM nº 7. 2016.

2.
MOTA, Maria Sarita. Parecer Portuguese Journal of Science Social. 2016.

3.
MOTA, Maria Sarita. Moderação de Mesa ?Território e luta ambiental na América Latina?, III Encontro Sul-Americano de Estudos Agrários. 2016.

4.
MOTA, Maria Sarita. Parecer sobre a Série Aforamentos do acervo do Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro (AGCRJ). 2015.

5.
MOTA, Maria Sarita. Parecer A20121106 - Rev. de História (UFBA). 2013.

6.
MOTA, Maria Sarita. Moderação de Mesa 'Terra (mercado e conflitos) - XXXIII Encontro da Associação Portuguesa de História Económica e Social (APHES). 2013.

7.
MOTA, Maria Sarita. Parecer A20120825 - Rev. de História (UFBA). 2012.

8.
MOTA, Maria Sarita. Moderação de Mesa 'História Agrária'- XXXII Encontro da Associação Portuguesa de História Económica e Social (APHES). 2012.

9.
MOTA, Maria Sarita. Elaboração de catálogo bibliográfico sobre Teses e Dissertações de História Rural disponíveis em Bibliotecas Digitais de Teses e Dissertações no Rio de Janeiro e São Paulo. 2011.

10.
MOTA, Maria Sarita. Parecer A2011501 - Revista de História (UFBA). 2011.

11.
MOTA, Maria Sarita. Parecer A20110905 - Revista de História (UFBA). 2011.

12.
MOTA, Maria Sarita. Revisão de provas gráficas livro 'O campo em debate: terra, homens luta'. 2008.

13.
MOTA, Maria Sarita. Revisão de texto. 2001.

14.
MOTA, Maria Sarita. I Mostra de Filmes de Curta-Metragem e de Animação. 2000.

15.
MOTA, Maria Sarita. Revisão de provas gráficas Livro Tijuca: cidade e memória. 1999.


Demais tipos de produção técnica
1.
MOTA, Maria Sarita. Relatório de Atividade (Renovação de Bolsa de Pós-Doutorado FCT). 2015. (Relatório de pesquisa).

2.
MOTA, Maria Sarita. Plano de Atividades CEHC. 2014. (Relatório de pesquisa).

3.
MOTA, Maria Sarita. Relatório de Atividade (Renovação de Bolsa de Pós-Doutorado FCT). 2014. (Relatório de pesquisa).

4.
MOTA, Maria Sarita. Plano de Atividades CEHC. 2013. (Relatório de pesquisa).

5.
MOTA, Maria Sarita. Relatório de Atividades (Renovação Bolsa de Pós-Doutorado FCT). 2013. (Relatório de pesquisa).

6.
MOTA, Maria Sarita. Plano de Atividades CEHC. 2012. (Relatório de pesquisa).

7.
MOTA, Maria Sarita. Relatório Pequena Nobreza nos Impérios Ibéricos de Antigo Regime. 2011. (Relatório de pesquisa).

8.
MOTA, Maria Sarita. Relatório técnico de Visita ao Quilombo Campinho da Independência, Paraty/RJ. 2010. (Relatório de pesquisa).

9.
MOTA, Maria Sarita; MOREIRA, R. J. ; ROCHA, B. N. ; LUCENA, M. G. ; PICCIN, M. B. ; ROS, C. ; GERHARDT, C. H. ; PICOLOTTO, E. L. ; MORENO, C. . Ruralidade, assimetria de poder e identidades sociais no campo. 2009. (Relatório de pesquisa).

10.
MOTA, Maria Sarita. Caras do Rio. 2001. .

11.
MOTA, Maria Sarita. Caras do Rio 2001. 2001. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostila).

12.
MOTA, Maria Sarita. Relatório técnico de atividades da Coordenadoria de Projetos e Ações Culturais ? COPRAC. 2001. (Relatório de pesquisa).

13.
MOTA, Maria Sarita. História do Rio de Janeiro (Módulo I). 2000. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

14.
MOTA, Maria Sarita. Relatório técnico de atividades da Coordenadoria de Projetos e Ações Culturais ? COPRAC. 2000. (Relatório de pesquisa).

15.
MOTA, Maria Sarita. Relatório técnico de atividades da Coordenadoria de Projetos e Ações Culturais ? COPRAC. 1999. (Relatório de pesquisa).

16.
MOTA, Maria Sarita. II Congresso de Extensão das Universidades Públicas da Região Sudeste. 1999. (Extensão Universitária).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Colóquio Brasil, século XVIII: Terra e Território.Terra e conflto: a jurisdicionalização da propriedade na América Portuguesa. 2012. (Seminário).

2.
Configurações Imperiais Ibéricas: administrações e burocracias (sécs. XV-XX). 2012. (Congresso).

3.
II Encontro Rural Report - Rede de História Rural em Português.Propriedade, estrutura fundiária e conflitos sociais no Brasil no século XIX. 2012. (Encontro).

4.
IV Encontro Internacional de História Colonial.Premissas teórico-metodológicas para uma história social da propriedade em construção: as concepções dos direitos de propriedade em Paolo Grossi e Rosa Congost. 2012. (Encontro).

5.
IX Colóquio Ibérico de Estudos Rurais. Cidadania, novas ruralidades e processos de desenvolviment na Baixada Fluminense (Rio de Janeiro-Brasil). 2012. (Congresso).

6.
Seminario Dottorandi Annuale.La plantation e le Città nell'America Portoghese. 2012. (Seminário).

7.
XIII Congress of Rural Sociology. Agribusiness cities: trajectories and discourses on the brazilian Amazon. 2012. (Congresso).

8.
431 anos de fundação de Guaratiba.Guaratiba histórica. 2010. (Encontro).

9.
VIII Congreso Latinoamericano de Sociologia Rural. A propriedade no pensamento de um colono ilustrado: Luís dos Santos Vilhena, final do século XVIII. 2010. (Congresso).

10.
XIV Encontro Regional da ANPUH-Rio.A dimensão territorial na história social da propriedade. 2010. (Encontro).

11.
12º Encuentro de Geógrafos de América Latina.Milícias e segregação sócio-territorial na zona oeste do município do Rio de Janeiro. 2009. (Encontro).

12.
2º Simpósio Nacional o Rural e o Urbano no Brasil.Novas territorialidades rurais e urbanas no município do Rio de Janeiro. 2009. (Simpósio).

13.
Segurança Alimentar e Segurança Energética: Estratégias da Expansão da Produção de Alimentos e Biocombustíveis na Europa e no Brasil. 2009. (Seminário).

14.
XXV Simpósio Nacional de História.O pobre posseiro e o orgulhoso sesmeiro: identidades rurais e acesso à terra no Rio de Janeiro no século XIX. 2009. (Simpósio).

15.
Ciencias, tecnologías y cultura. Diálogo entre las disciplinas del conocimiento. Mirando al futuro de América Latina y el Caribe. O governo Vargas e a regulação do trabalho: ciência e tecnologia na formação do trabalhador ideal. 2008. (Congresso).

16.
Congreso Argentino de Antropologia Social. Autodefesas comunitárias? O poder paralelo nos bairros do subúrbio do Rio de Janeiro. 2008. (Congresso).

17.
III Encontro de Ciências Sociais do Sul. Democracia, Desenvolvimento, Identidade.Desenvolvimento rural sustentável no município do Rio de Janeiro: os novos rurais em Guaratiba. 2008. (Encontro).

18.
XIII Encontro de História ANPUH-Rio.Interpretando os mecanismos de transmissão da propriedade: as doações de terras no século XVIII e XIX. 2008. (Encontro).

19.
XXI Jornadas de His´toria Económica.Posesión y propiedad de la tierra en Brasil. 2008. (Seminário).

20.
VII Reunião de Antropologia do Mercosul.O inferno são os outros? Espaços incivilizados versus espaços da alteridade na cidade global. 2007. (Encontro).

21.
XXIV Simpósio Nacional de História.Regularização fundiária e patrimônio da União na zona oeste do município do Rio de Janeiro. 2007. (Simpósio).

22.
Seminário Comemorativo dos 30 anos do Programa de Pós-Gradução de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade. 2006. (Seminário).

23.
XII Encontro Regional de História.Imagens do mundo rural nas fotografias de Augusto e Aristogiton Malta (1920-1930). 2006. (Encontro).

24.
Encontro Regional da ABRALIC. 2005. (Encontro).

25.
V Encontro Nacional Perspectivas do Ensino de História.Uma contribuição para o ensino de História na zona oeste do município do Rio de Janeiro. 2004. (Encontro).

26.
Tijuca: 242 anos.Tijuca: memória, história e cultura. 2001. (Encontro).

27.
Seminário Rio de Janeiro Capital e Capitalidade. 2000. (Seminário).

28.
Fórum Rio 21. 1999. (Encontro).

29.
II Congresso de Extensão das Universidades Públicas da Região Sudeste. 1999. (Congresso).

30.
I Seminário Internacional sobre Fontes Documentais para a História do Brasil Colonial. 1998. (Seminário).

31.
VI Semana de Iniciação Científica.Retratos do Rio por seus intelectuais. 1997. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora de Mesa-redonda Terceira Idade com Qualidade. 2000. (Outro).

2.
MOTA, Maria Sarita. Terceira Idade com Qualidade. 2000. (Outro).

3.
MOTA, Maria Sarita. Escrita e Cinema: Paulo Thiago, Clair de Mattos e Ana Cistina Chiara. 2000. (Outro).

4.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora da Programação da 1ª Mostra de Filmes de Curta-Metragem e de Animação. 2000. (Outro).

5.
MOTA, Maria Sarita. Seminário Rio de Janeiro: Capital e Capitalidade. 2000. (Outro).

6.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora de Mesa-redonda Seminário Rio de Janeiro: Capital e Capitalidade. 2000. (Outro).

7.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora da Sessão Universitária em Homenagem a Eliseth Cardoso. 2000. (Outro).

8.
MOTA, Maria Sarita. Ciclo de Debates UERJ/Jornal do Brasil. 2000. (Outro).

9.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora de Mesa-redonda A Violência Urbana. 2000. (Outro).

10.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora de Mesa-redonda A Contribuição do Jornal na Política de Esportes. 2000. (Outro).

11.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora de Mesa-redonda O Jornal e as Eleições. 2000. (Outro).

12.
MOTA, Maria Sarita. As Lutas do Povo Brasileiro: Prof. Julio Chiavenato. 2000. (Outro).

13.
MOTA, Maria Sarita. Coordenadora de Mesa-redonda História e Imprensa. 2000. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
MOTA, Maria Sarita. Hipoteca (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2014, v. , p. 1-1.

2.
MOTA, Maria Sarita. Negro da terra (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ed.Lisboa: CEHC-IUL, 2014, v. 1, p. 1-1.

3.
MOTA, Maria Sarita. Sesmaria dos sobejos (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2014, v. 1, p. 1-1.

4.
MOTA, Maria Sarita. Mata Atlântica (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2015, v. 1, p. 1-1.

5.
MOTA, Maria Sarita. Manguezal (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2015, v. 1, p. 1-1.

6.
MOTA, Maria Sarita. Pau-brasil (verbete). In: J. V. Serrão, M. Motta e S. M. Miranda. (Org.). e-Dicionário da Terra e do Território no Império Português. 1ªed.Lisboa: CEHC-IUL, 2015, v. 1, p. 1-1.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/10/2018 às 4:30:29