Eduardo Luiz Longui

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9268347207438461
  • Última atualização do currículo em 29/11/2018


Sou Biólogo, graduado em 2001, possuo mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente pelo Instituto de Botânica (2005) e doutorado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente pelo Instituto de Botânica (2009). Desde 2007 sou pesquisador científico do Instituto Florestal do Estado de São Paulo. Atualmente estou vinculado como professor e orientador em nível de pós graduação (mestrado e doutorado) na Universidade Estadual Paulista - UNESP ? FCA Botucatu (SP) e na Universidade Federal de São Carlos - UFSCAR - Campus Sorocaba. Meu interesse é pesquisar diversos temas relacionados à anatomia de madeira e suas propriedades em espécies nativas e exóticas: anatomia da madeira, identificação de madeiras, propriedades físicas, mecânicas e químicas da madeira e anatomia funcional (condutividade e biomecânica) e ecológica do lenho. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Eduardo Luiz Longui
Nome em citações bibliográficas
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, Divisao de Dasonomia.
Rua do Horto, 931
Horto Florestal
02377000 - São Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 22318555
Ramal: 2221


Formação acadêmica/titulação


2006 - 2009
Doutorado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente.
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
Título: Potencial de madeiras nativas na fabricação de arcos para instrumentos de corda, Ano de obtenção: 2009.
Orientador: Dra. Edenise Segala Alves.
Palavras-chave: anatomia; Arcos; Madeira; Tabebuia; propriedades físicas mecânicas acústicas.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Morfologia Vegetal.
Setores de atividade: Fabricação de Produtos de Madeira, Inclusive Móveis.
2003 - 2005
Mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente.
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
Título: Pau-brasil e outras espécies nativas empregadas na fabricação de arcos para instrumentos de corda: um estudo comparativo,Ano de Obtenção: 2005.
Orientador: Dra. Edenise Segala Alves.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Arcos; anatomia; Madeira.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Morfologia Vegetal / Especialidade: Anatomia Vegetal.
Setores de atividade: Fabricação de Produtos de Madeira, Inclusive Móveis; Ensaios de Materiais e de Produtos; Análise de Qualidade.
1999 - 2002
Graduação em Ciências Biológicas.
Universidade do Grande ABC, UNIABC, Brasil.
Título: Cactáceas: diversidade, estrutura e propagação.
Orientador: Nelson Augusto dos Santos Junior.


Pós-doutorado


2014
Pós-Doutorado.
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? Ilha Solteira (SP), UNESP, Brasil.
Grande área: Ciências Agrárias


Formação Complementar


2017 - 2017
Scientific Writing in English. (Carga horária: 24h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2013 - 2013
Princípios de Biomecânica Vegetal. (Carga horária: 80h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2012 - 2012
Estatística com o Programa R. (Carga horária: 16h).
Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
2011 - 2011
Cambium in woody plants. (Carga horária: 40h).
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), UNESP, Brasil.
2011 - 2011
Phytohormonal Mechanisms that Control Wood Quality. (Carga horária: 40h).
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), UNESP, Brasil.
2011 - 2011
Anatomia da Madeira Aplicada Taxonomia e Filogenia. (Carga horária: 120h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2010 - 2010
Dendroecologia e Princípios de Anatomia Ecológica. (Carga horária: 60h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2003 - 2003
Avaliação de impactos ambientais. (Carga horária: 4h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
2003 - 2003
Legislação ambiental. (Carga horária: 4h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
2003 - 2003
Consumo responsável e Responsabilidade Social. (Carga horária: 4h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
2002 - 2002
Organização e redação de trabalhos científicos. (Carga horária: 4h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
2001 - 2001
Estágio em técnicas básicas de biologia molecular. (Carga horária: 64h).
Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, FCMSCSP, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em Técnicas de Educação Ambiental. (Carga horária: 20h).
Instituto Physis Cultura e Ambiente, PHYSIS, Brasil.
1999 - 1999
Extensão universitária em Ecoturismo em unidades de conservação. (Carga horária: 16h).
Instituto Physis Cultura e Ambiente, PHYSIS, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Florestal do Estado de São Paulo, IF, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisador Científico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

04/2012 - Atual
Direção e administração, Divisao de Dasonomia, .

Cargo ou função
Diretor de Divisão Técnica.
11/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Divisao de Dasonomia, .

Linhas de pesquisa
Anatomia aplicada
11/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Divisao de Dasonomia, .

Linhas de pesquisa
Anatomia ecológica
09/2008 - 04/2012
Direção e administração, Divisao de Dasonomia, Secao de Madeira e Produtos Florestais.

Cargo ou função
Chefe de Seção Técnica.

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Professor em pós graduação, Carga horária: 40
Outras informações
Disciplina: RELAÇÕES DA ANATOMIA COM ALGUMAS PROPRIEDADES FÍSICAS E MECÂNICAS COMO BASE PARA DETERMINAR A QUALIDADE DE MADEIRAS Por meio desta disciplina objetiva-se criar condições para que os alunos compreendam como as variações anatômicas influenciam na condutividade de água e resistência da madeira nas árvores e posteriormente nas propriedades físicas e mecânicas da madeira serrada. Com base nestas informações os alunos poderão estimar a qualidade das madeiras para diversas aplicações.


Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, UFSCAR, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor em nível de pós graduação, Carga horária: 60
Outras informações
Disciplina: RELAÇÕES DA ANATOMIA COM ALGUMAS PROPRIEDADES FÍSICAS E MECÂNICAS COMO BASE PARA DETERMINAR A QUALIDADE DE MADEIRAS Por meio desta disciplina objetiva-se criar condições para que os alunos compreendam como as variações anatômicas influenciam na condutividade de água e resistência da madeira nas árvores e posteriormente nas propriedades físicas e mecânicas da madeira serrada. Com base nestas informações os alunos poderão estimar a qualidade das madeiras para diversas aplicações.


Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: livre, Enquadramento Funcional: estagiário, Carga horária: 40
Outras informações
Bolsista FAPESP de Treinamento técnico III no projeto - Caesalpinia echinata Lam. (pau-brasil): da semente a madeira, um modelo para estudos de plantas arbóreas tropicais brasileiras.

Atividades

10/2001 - 04/2002
Estágios , Divisão de Fitotaxonomia, .

Estágio realizado
iniciação científica no projeto - potencialidade de bioindicação de Tillandsia usneoides L. à poluição aérea: aspectos estruturais.
02/2001 - 08/2001
Estágios , Divisão de Fitotaxonomia, .

Estágio realizado
Bolsista de iniciação científica PIBIC-CNPq no projeto - Eugenia uniflora L. (Myrtaceae), crescendo em ambientes diferentes quanto à poluição aérea..

Sangari Brasil, SANGARI, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2007
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.


Prefeitura Municipal de São Paulo, PMSP, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor de Ciências, Carga horária: 20

Atividades

06/2005 - 07/2006
Ensino,

Disciplinas ministradas
Ciências


Linhas de pesquisa


1.
Anatomia aplicada

Objetivo: Relacionar as características anatômicas da madeira e as propriedades físicas, mecânicas e químicas com a qualidade da madeira.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Fabricação de Produtos de Madeira, Inclusive Móveis; Outro.
Palavras-chave: Anatomia da madeira; arcos para instrumentos de corda; propriedades físicas mecânicas acústicas.
2.
Anatomia ecológica

Objetivo: Estudar a anatomia da madeira de uma mesma espécie arbórea em diferentes tipos de vegetação.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Produtos e Serviços Voltados Para A Defesa e Proteção do Meio Ambiente, Incluindo O Desenvolvimento Sustentado.
Palavras-chave: Anatomia da madeira; variação do lenho.


Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Proposta de um sistema automático para identificação de madeiras: etapa 2
Descrição: O estudo anterior propôs a identificação automática das madeiras de Balfourodendron riedelianum (pau marfim), Dipteryx alata (cumaru) e Peltophorum dubium (canafístula), e obteve mais de 90% de êxito na identificação automatizada. Nessa nova fase serão selecionadas cerca de cinco espécies de madeiras entre as mais comercializadas no Brasil, bem como as madeiras já estudadas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador.
2018 - Atual
Herdabilidade para caracteres silviculturais, determinação da densidade e de algumas características anatômicas da madeira de clones de Hevea brasiliensis (Willd. ex A. Juss.) Müll. Arg (Euphorbiaceae)
Descrição: No presente estudo serão estudadas amostras de 10 clones de seringueira com o objetivo de determinar caracteres silviculturais, densidade e algumas características anatômicas da madeira..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante.
2018 - Atual
Anatomia e algumas propriedades da madeira de Eucalyptus camaldulensis Dehnh. em três diferentes qualidades com base no valor genético calculado pelo diâmetro à altura do peito
Descrição: Nesse estudo objetivamos determinar características da madeira de Eucalyptus camaldulensis Dehnh. em três diferentes qualidades (alta, intermediária e baixa) com base no valor genético calculado pelo diâmetro à altura do peito (DAP) 1,30m do solo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante.
2017 - 2018
Proposta de um sistema automático para identificação de madeiras
Descrição: O presente estudo propõe um sistema para aquisição de características da madeira com base nos padrões de textura, utilizando para esse fim equipamentos de baixo custo e algoritmos de descrição de textura, processamento de imagens e também métodos para classificação e posterior identificação. Optamos pelo uso de três madeiras comumente encontradas no comércio madeireiro e com estruturas anatômicas distintas. As espécies estudadas serão Balfourodendron riedelianum (pau marfim), Dipteryx alata (cumaru) e Peltophorum dubium (canafístula)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador.
2017 - 2018
Caracterização da madeira de espécies alternativas para a produção de clarinetes
Descrição: Objetiva-se investigar o potencial (com base em algumas propriedades) das madeiras de Diospyros perrieri, Myracrodruon urundeuva, Myrocarpus frondosus, Dalbergia spruceana, Dalbergia cearenses, Handroanthus impetiginosus e Handroanthus serratifolius e compará-las com as de D. melanoxylon, estabelecida como modelo na produção de clarinetes.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador.
2017 - 2018
Caracterização anatômica e de algumas propriedades em teste de progênies com três espécies em consórcio
Descrição: Nosso objetivo será determinar a qualidade das madeiras de Myracrodruon urundeuva, Astronium fraxinifolium e Terminalia argentea aos 21 anos em plantio heterogêneo (consórcio), com base em análises de crescimento, anatomia da madeira e de algumas propriedades. Hipotetizamos que as madeiras das espécies supracitadas aos 21 anos em plantio heterogêneo já apresentem qualidade da madeira adequada a certos usos e possam ser enquadradas ao menos em uma classe de resistência média..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante.
2017 - Atual
Estudo da madeira de Dipteryx alata Vogel: Herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos e Arquitetura hidráulica
Descrição: a) determinar a herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos ao longo dos anéis de crescimento, b) estabelecer se há maior influência do ambiente na formação destas características conforme o câmbio torna-se maduro ou se a influência genética permanece inalterada ao longo do tempo, c) determinar o tamanho amostral ideal para estimativa de parâmetros genéticos em caracteres anatômicos e d) estudar o conduit tapering?, afunilamento dos vasos, e relacioná-lo com a altura da árvore..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante / Ananda Virginia de AGUIAR - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.
2016 - 2017
Identificação de madeira e casca a partir da serragem aderida à motosserra
Descrição: As equipes do Instituto de Criminalística de São Paulo, espalhadas por todo o estado, frequentemente recebem motosserras como peças de exame de ocorrências envolvendo desmatamento. As Áreas de Preservação Permanente são os locais mais atingidos pelo desmatamento, comprometendo assim sua função ambiental. Objetiva-se i) verificar se a partir da serragem de motosserras, com fragmentos de lenho e casca é possível identificar o material a partir da comparação com amostras referência ii) criar um banco de dados com imagens de seções transversais e longitudinais e do lenho e casca dissociados, o que futuramente contribuirá para o esclarecimento de crimes ambientais pelo Instituto de Criminalística de São Paulo. As amostras do presente estudo serão obtidas de segmentos de troncos de árvores adultas das espécies Pinus elliotti e Pinus taeda (Pinaceae, Gimnosperma), Araucaria angustifolia (Araucariaceae, Gimnosperma), Eucalyptus camaldulensis, Eucalyptus grandis, Eucalyptus saligna, Eucalyptus tereticornis, Eucalyptus urophylla e Corymbia citriodora (Myrtaceae, Angiosperma). As amostras do lenho e da casca serão obtidas a partir de materiais remanescentes de outros estudos do grupo no Instituto Florestal (IF), de amostras da Xiloteca do IF ou eventualmente de árvores em plantios nas unidades do IF. A preparação das amostras será realizada com base na metodologia padrão para anatomia da madeira e casca. Serão produzidas lâminas histológicas com seções do lenho/casca e material dissociado de lenho/casca como referência. Posteriormente, as serragens de motosserra serão processadas e analisadas de forma comparativa com o material referência. A partir desta análise será possível confirmar a confiabilidade da metodologia empregada..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Marina Milanello do Amaral - Integrante.
2016 - 2017
Diâmetro dos vasos no lenho de Genipa americana L. em relação à altura da árvore
Descrição: Determinaremos o diâmetro dos vasos e calcularemos a condutividade hidráulica na base do caule e ramos distais da copa de árvores de Genipa americana relacionando-os com a altura da árvore e diâmetro do tronco à altura do peito, objetivando estudar a relação destas características e ampliar o conhecimento sobre o transporte de água na espécie. Hipotetizamos que árvores mais altas e com maiores diâmetros de tronco devem apresentar vasos de maiores diâmetros não só na base do tronco, mas também em todas as outras posições axiais quando comparadas com árvores de menor altura. Estudaremos árvores plantadas em 2004 na Fazenda de Ensino, Pesquisa e Extensão (FEPE), da Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira/UNESP, localizada no município de Selvíria-MS. O plantio foi estabelecido com sementes de duas populações: Mogi-Guaçu-SP e Selvíria-MS, sendo que foram cortadas 40 árvores, 20 de cada procedência. De cada árvore foram cortados discos para a mensuração do diâmetro dos vasos na base do caule e ramos distais. Amostras destas regiões serão amolecidas via cozimento e serão cortadas secções transversais para mensuração do diâmetro dos vasos. A partir dos resultados serão calculadas a Condutividade hidráulica (Kh) = πD4/128η, onde D é o diâmetro do vaso, η é o índice de viscosidade da água (1,002 x 10-9 s MPa a 20 °C); e o Tapering (T) pela equação: T = Dh0/Dhn-1, onde: Dhn-1 = diâmetro do conduíte (vaso) apical, Dh0 = diâmetro do conduíte (vaso) basal..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante / José Cambuim - Integrante.
2015 - 2016
Comparação da anatomia e densidade aparente da madeira de Eucalyptus grandis E Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla com diferentes graus de ploidia
Descrição: Hipotetizamos que a madeira com diferentes graus de ploidia possua variações em suas características anatômicas e densidade aparente, devido ao fato de que diferentes conjuntos de cromossomos possam produzir diferentes expressões fenotípicas (anatômicas), destacando que variações nos tamanhos de folhas e frutos já foram observadas nestas plantas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Izabel Christina Gava de Souza - Integrante / Shinitiro Oda - Integrante.
2015 - 2016
Tapering no diâmetro dos vasos na madeira de Peltophorum dubium
Descrição: Nosso objetivo será determinar a variação do diâmetro do vaso, condutividade hidráulica e tapering entre raiz, caule e ramos distais da copaem 30 árvores de Peltophorum dubium, 15 de cada procedência (Bauru-SP e Alvorada do Sul-PR). Hipotetizamos que (i) Vasos de maiores diâmetros são encontrados nas raízes e diminuem seus diâmetros a partir da conicidade tanto da base para o topo do fuste, quanto entre os galhos mais distais da copa; (ii) As árvores mais altas devem apresentar vasos de maiores diâmetros não só na base do tronco, mas também em todas as outras posições axiais quando comparadas com árvores de menor altura.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Antonio Carlos Scatena Zanatto - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante.
2015 - 2016
Relação entre condutividade hidráulica e rigidez na madeira de árvores jovens de Eriobothrya japonica, Ligustrum lucidum e Tecoma stans
Descrição: Objetivamos determinar a relação entre a condutividade hidráulica e a rigidez da madeira, além de determinar estas propriedades no sentido axial do caule. Nossas hipóteses são que: a) ocorra uma relação negativa entre condutividade hidráulica e rigidez. Se a hipótese estiver correta espera-se que em segmentos de caule com maior rigidez, a madeira apresente menor condutividade hidráulica. b) a rigidez diminua da base para o topo do caule..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Antonio Carlos Scatena Zanatto - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante.
2014 - 2015
Herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos da madeira em progênies de Dipteryx alata Vogel: estimativa de parâmetros genéticos em caracteres anatômicos da madeira
Descrição: Discos da base de 30 árvores de Dipteryx alata Vogel serão cortados com os objetivos de a) determinar a herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos ao longo dos anéis de crescimento, b) estabelecer se há maior influência do ambiente na formação destas características conforme o câmbio torna-se maduro ou se a influência genética permanece inalterada ao longo do tempo. Devido à natureza conservativa da madeira quando comparada às características externas que estão sujeitas a maior pressão seletiva, hipotetizamos que as árvores crescendo em um mesmo local, devem manter a estrutura da madeira a partir de informações genéticas moldadas pelas condições climáticas do local de origem. Sendo assim, o diâmetro e a frequência dos vasos, mesmo apresentando plasticidade devido às condições climáticas, como citado acima, devem mostrar diferenças entre as progênies das três procedências. Para tanto, o diâmetro e frequência dos vasos serão mensurados em cada anel de crescimento no sentido medula-casca. As estimativas de componentes de variância e parâmetros genéticos serão determinadas para 30 árvores para estimativa de parâmetros genéticos em caracteres anatômicos da madeira. Também serão feitas análises de correlação entre as características da madeira e as características climáticas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante.
2014 - 2015
Variação entre raiz, caule e ramos da condutividade hidráulica, porcentagem de tipos de células e densidade da madeira em cinco espécies nativas brasileiras
Descrição: Nosso objetivo será determinar a variação entre raiz, caule (três alturas do fuste) e ramo (três alturas da copa) da condutividade hidráulica, anatomia e densidade da madeira em cinco espécies nativas brasileiras: Centrolobium tomentosum, Peltophorum dubium, Handroanthus vellosoi, Cariniana legalis e Balfourodendron riedelianum. Para testar as seguintes hipóteses: (i) Vasos de maiores diâmetros são encontrados nas raízes e diminuem seus diâmetros a partir da conicidade tanto da base para o topo do fuste, quanto entre os galhos mais distais da copa. (ii) As espécies de árvores mais altas devem apresentar vasos de maiores diâmetros não só na base do tronco, mas também em todas as outras posições axiais quando comparadas com as espécies com menor altura, contudo os padrões de arquitetura hidráulica serão convergentes entre as espécies. (iii) Espera-se uma relação negativa entre condutividade hidráulica e densidade aparente da madeira. O experimento foi montado em blocos casualizados 5 x 6 (5 tratamentos x 6 blocos), em parcelas de 15 m x 18 m com 60 plantas por parcela, duas bordaduras e espaçamento de 3 m x 2 m entre as árvores. Seis árvores de cada espécie serão desbastadas e sete amostras de cada árvore serão retiradas da porção mais próxima da casca (cerca de 2 cm), ou seja, alburno, região do lenho aonde potencialmente há condução de água. Amostras de raiz serão retiradas a cerca de 30 cm de profundidade. Nas amostras da copa, é possível que os ramos mais distais (meio e topo da copa) sejam analisados integralmente, uma vez que devem apresentar dimensões próximas de 2 cm. Serão determinadas as densidades aparentes de cada amostra, o diâmetro dos vasos para o cálculo da condutividade hidráulica, o agrupamento dos vasos e a porcentagem dos tipos de células da madeira. Também serão realizadas análises física e química do solo. Em todas as análises serão empregadas as metodologias padronizadas para ensaios físicos e análise anatômica da madeira e também para as análises de solo. Serão realizadas análises descritivas, análises de variância (ANOVA) e testes de comparações múltiplas (teste de Tukey). Também serão empregadas análises de regressão para relacionar as características anatômicas com a densidade aparente..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Antonio Carlos Scatena Zanatto - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Carmen Regina Marcati - Integrante.
2014 - 2015
Potencial das madeiras de Libidibia ferrea (Mart. ex Tul.) L.P.Queiroz e Diptychandra aurantiaca Tul. na fabricação de arcos para instrumentos de corda
Descrição: O pau-brasil (Caesalpinia echinata L.) se encontra em perigo de extinção, sendo um dos motivos a retirada e a exportação ilegal de sua madeira para fabricação de arcos de instrumentos de corda. Para propor outras madeiras são necessários estudos científicos que avaliem seu potencial, bem como a fabricação de arcos testes e da comprovação dos músicos quanto à sua qualidade. Objetiva-se investigar o potencial da madeira de Libidibia ferrea (pau ferro) Diptychandra aurantiaca (carvão vermelho) por meio da comparação de suas características anatômicas, propriedades físicas, mecânicas, químicas, acústicas e da trabalhabilidade com as encontradas na madeira de C. echinata, estabelecida como modelo e de mais seis madeiras nativas brasileiras já testadas anteriormente: Handroanthus spp., Mezilaurus itauba, Hymenaea spp., Dipteryx spp., Diplotropis spp. e Astronium lecointei. As características avaliadas serão: 1) anatômicas (dimensões, frequência e arranjo das células); 2) propriedades físicas (densidade aparente e retração volumétrica); 3) propriedades mecânicas (módulos de elasticidade dinâmico, estático e ruptura, resistência ao cisalhamento e compressão paralela às fibras); 4) propriedade acústica (velocidade de propagação do som); 5) constituintes químicos (teores de extrativos totais, lignina e holocelulose); 6) trabalhabilidade e propriedades organolépticas. A partir dos resultados será possível determinar se a madeira de pau ferro apresenta potencial para arquetaria..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / LOMBARDI, D - Integrante / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Adriano Wagner BALLARIN - Integrante.
2013 - 2014
Relação entre rigidez e potencial de condutividade hidráulica na madeira de árvores jovens de Aspidosperma ramiflorum e Heliocarpus americanus
Descrição: Testaremos as hipóteses que: a) ocorra uma relação negativa entre rigidez e potencial de condutividade hidráulica. Se a hipótese estiver correta espera-se que em segmentos de caule com maior rigidez, a madeira apresente menor condutividade hidráulica; b) a rigidez da madeira diminua da base para o topo do caule. Para tanto selecionamos duas espécies Heliocarpus americanus L. (embirão de sapo) Malvaceae e Aspidosperma ramiflorum Müll.Arg. (guatambú) Apocynaceae com madeiras diferentes quanto à densidade, sendo que o embirão de sapo é madeira bem mais leve do que o guatambú.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2014
Efeito da orientação dos raios na resistência ao cisalhamento paralelo à grã da madeira de quatro espécies brasileiras
Descrição: A proposta deste estudo é comparar o efeito da orientação dos raios na resistência ao cisalhamento paralelo à grã na madeira de três espécies nativas brasileiras: Balfourodendron riedelianum (Engl.) Engl. (pau-marfim), Dipteryx alata Vogel (cumaru) e Peltophorum dubium (Vogel) Benth. (guarucaia), plantadas em 1984, 1986 e 1982, respectivamente, na Floresta Estadual de Pederneiras no município de Pederneiras, São Paulo.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante.
2013 - 2014
Condutividade hídrica do lenho de espécies pioneiras/secundárias iniciais e não pioneiras
Descrição: A proposta deste estudo será comparar a condutividade hídrica da madeira de três espécies pioneiras/secundárias iniciais: Guazuma ulmifolia, Inga sessilis e Maclura tinctoria com três espécies não pioneiras: Caesalpinia echinata, Cariana legalis e Handroanthus chrysotrichus..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante.
2012 - 2013
A procedência das sementes influencia na condutividade hídrica do lenho de Myracrodruon urundeuva?
Descrição: A proposta deste estudo será comparar o lenho de plantas de Myracrodruon urundeuva com 23 anos que cresceram em um mesmo ambiente - Estação Experimental de Luis Antonio (Cerrado), e são provenientes de sementes coletadas de duas populações naturais de diferentes locais: Assis (Cerrado) e Ilha Solteira (Cerrado). Nosso objetivo será determinar se a procedência das sementes influencia na condutividade hídrica da madeira de M. urundeuva.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Scatena Zanatto - Integrante / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Gabriela Trindade Pires - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2012 - 2013
Anatomia do lenho de Ocotea catharinensis Mez. ao longo do gradiente altitudinal do Parque Estadual da Serra do Mar-Núcleo Cunha
Descrição: Devido à ampla distribuição altitudinal de Ocotea catharinensis Mez. Lauraceae, nós inferimos que ela pode possuir alguma adaptação para viver ao longo de um gradiente altitudinal e se esta adaptação estaria relacionada com a madeira. Desta forma, justifica-se a escolha da espécie, uma vez que árvores de O. catharinensis ocorrem ao longo de mais de 800 m no Parque Estadual da Serra do Mar.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Camila Moura Santos - Integrante / Roberto Starzynski - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2012 - 2013
Qualidade da madeira de Myracrodruon urundeuva em dois sistemas de plantio
Descrição: Neste estudo, a nossa proposta é comparar a qualidade da madeira de Myracrodruon urundeuva, cujas árvores cresceram em sistemas de plantio distintos: aroeira (Myracrodruon urundeuva) x canafístula (Peltophorum dubium) e ACJ - aroeira (Myracrodruon urundeuva) x canafístula (Peltophorum dubium) x jerivá (Syagrus romanzoffiana)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Mário Luiz Teixeira de MORAES - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Rhayssa de Almeida Justo - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2011 - 2012
Estrutura axial da madeira de Handroanthus vellosoi: tradeoff entre potencial hidráulico e resistência mecânica
Descrição: Objetiva-se investigar a correlação entre a densidade aparente, resistência ao cisalhamento, características anatômicas e ângulo de microfibrilas da madeira de Handroanthus vellosoi para explicar como a madeira é formada para otimizar o potencial hidráulico e a resistência mecânica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Scatena Zanatto - Integrante / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Ivanka Rosada de Oliveira - Integrante.
2011 - 2012
A procedência das sementes influencia na formação da madeira de Myracroduon urundeuva?
Descrição: Determinar o efeito da procedência das sementes na madeira de Myracroduon urundeuva quando as árvores são plantadas em ambiente diferente daquele de origem das sementes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Scatena Zanatto - Integrante / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Gabriela Trindade Pires - Integrante.
2011 - 2012
Camadas de crescimento na madeira de oito espécies plantadas em área de Cerrado
Descrição: Caracterizar as camadas de crescimento em oito espécies para determinar: a) Se o número de camadas de crescimento corresponde à idade das árvores; b) Se a distância entre as camadas varia conforme a idade da árvore; c) A relação entre as camadas de crescimento e os dados de precipitação e temperatura; d) Identificar se ocorreu fogo ou ataque de insetos e se estes eventos deixaram marcas no lenho; e) Observar se há variação nas camadas de crescimento com relação às procedências das sementes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Scatena Zanatto - Integrante / Miguel Luiz Menezes FREITAS - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Camila Moura Santos - Integrante.
2010 - 2011
Anatomia da raiz, caule e ramo em árvores jovens de Anadenanthera falcata (Benth.) Speg.
Descrição: Objetiva-se estudar as possíveis variações anatômicas entre raiz, caule e ramo em Anadenanthera falcata e correlacioná-las com as diferentes funções destes órgãos. A hipótese a ser testada é que existem variações estruturais entre o lenho da raiz, caule e ramo em Anadenanthera falcata, e que estas estejam relacionadas ao transporte de água (vasos), ao armazenamento, transformação e transporte a curta distância de água e substâncias nutritivas (parênquima) e de sustentação das árvores (fibras)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Galvão Melo - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Caroline Bianca do Nascimento - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2010 - 2011
Variações anatômicas do lenho e da folha em indivíduos de altura normal e anões de Copaifera langsdorffii Desf.
Descrição: Objetiva-se investigar características anatômicas do lenho e da folha de árvores das duas populações, além de avaliar as características físico-químicas do solo dos dois locais. Desta forma, espera-se determinar se o nanismo dos indivíduos do Cerrado Rupestre está associado a alterações na anatomia do lenho e da folha e se o pequeno porte das árvores é influenciado pelo solo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Galvão Melo - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Natalia de Oliveira Costa - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2010 - 2011
Indicadores ecológicos e eficiência na condução de água no lenho da raiz e do caule em três espécies de Cerradão
Descrição: Neste estudo serão investigados os indicadores ecológicos ? índices de vulnerabilidade, mesomorfia e agrupamento de vasos. Determinada a porcentagem da área de vasos da madeira da raiz e do caule. Também serão investigadas características das pontoações. Por meio destes resultados e dos indicadores serão discutidas suas implicações no transporte de água..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Galvão Melo - Integrante / Israel - Integrante / SANDRA - Integrante / Laura de Araujo Alves - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2009 - 2010
Variação intra e interespecífica do lenho de Luehea spp. em diferentes tipos de vegetação
Descrição: O objetivo desse estudo será identificar se há diferenças qualitativas e quantitativas, intra e interespecíficas no lenho de árvores de Luehea divaricata; L. grandiflora e L. candicans com relação ao ambiente em que vivem..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Coordenador / ISRAEL LUIZ DE LIMA - Integrante / SANDRA MONTEIRO BORGES FLORSHEIM - Integrante / Osny Tadeu de Aguiar - Integrante / Diego Romeiro - Integrante / Antonio Carlos Galvão Melo - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2009 - 2010
Variação de procedência na densidade básica e dimensões de elementos celulares da madeira de Balfourodendron riedelianum
Descrição: O objetivo do presente projeto será o de estudar as variações nas propriedades físicas e anatômicas da madeira de Balfourodendron riedelianum em função de diferentes procedências e posições radiais ao longo do tronco da árvore..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Integrante / BEATRIZ RIBEIRO ZANON - Integrante / ISRAEL LUIZ DE LIMA - Coordenador / SANDRA MONTEIRO BORGES FLORSHEIM - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2008 - 2011
VARIAÇÃO DE PROPRIEDADES DA MADEIRA DE Liquidambar styraciflua L.(sweet gum) EM FUNÇÃO DA POSIÇÃO RADIAL NA TORA EM DIFERENTES CLASSES DE DIÂMETRO
Descrição: O objetivo será o de estudar as variações das propriedades físicas, mecânicas e anatômicas da madeira de Liquidambar styraciflua, em função da posição radial em diferentes classes de DAP ao longo do tronco da árvore, visando verificar as variações e correlações entre essas propriedades..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Integrante / BEATRIZ RIBEIRO ZANON - Integrante / ISRAEL LUIZ DE LIMA - Coordenador / SANDRA MONTEIRO BORGES FLORSHEIM - Integrante / José Nivaldo Garcia - Integrante.
2007 - 2010
Variação em propriedades da madeira de Tectona grandis Linn.F. (teca) em função do espaçamento e da posição radial na tora
Descrição: O objetivo do projeto será o de estudar a influência do espaçamento entre árvores do povoamento e da posição radial no tronco da árvore, em algumas das propriedades físicas, mecânicas e anatômicas da madeira de T. grandis , além de estudar as possíveis correlações entre essas propriedades.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Eduardo Luiz Longui - Integrante / ISRAEL LUIZ DE LIMA - Coordenador / SANDRA MONTEIRO BORGES FLORSHEIM - Integrante / José Nivaldo Garcia - Integrante / Rafael Garcia - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2000 - 2005
Caesalpinia echinata Lam. (pau-brasil): da semente à madeira, um modelo para estudos de plantas arbóreas brasileiras
Descrição: Trata-se de projeto temático financiado pela FAPESP e coordenado por Rita de Cassia Leone Figueiredo Ribeiro. O projeto foi dividido em três módulos, sendo que contribui para a obtenção de dados no Módulo 1 (coordenado por Marisa Domingos), no qual foram estudadas plantas jovens de pau-brasil submetidas à poluição aérea urbana na cidade de São Paulo. Participei também do módulo 3 (coordenado por Edenise Segala Alves), realizando a investigação da estrutura anatômica da madeira do pau-brasil, comparando-se caule e raiz e madeira nativa e reflorestada. Os resultados estão sendo reunidos em um livro que reunirá todos os resultados do projeto. Desses participei como co-autor de um capítulo sobre a utilização da madeira para arcos de instrumentos de corda. Dentro do projeto, desenvolvi minha dissertação de mestrado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2013 - Atual
Periódico: Revista do Instituto Florestal
2013 - Atual
Periódico: IF Serie Registros


Revisor de periódico


2008 - Atual
Periódico: Revista do Instituto Florestal
2009 - Atual
Periódico: Revista Árvore (Impresso)
2011 - Atual
Periódico: Lignocellulose Journal
2012 - Atual
Periódico: Plos One
2012 - Atual
Periódico: IAWA Journal
2012 - Atual
Periódico: Boletín de la Sociedad Argentina de Botánica (impresa)
2013 - Atual
Periódico: CERNE (UFLA)
2013 - Atual
Periódico: Acta Amazonica (Impresso)
2014 - Atual
Periódico: Scientia Forestalis (IPEF)
2014 - Atual
Periódico: Journal of Forestry Research
2015 - Atual
Periódico: Bioresources (Raleigh, N.C)
2016 - Atual
Periódico: Anais da Academia Brasileira de Ciências (Impresso)
2016 - Atual
Periódico: International Journal of Plant & Soil Science
2016 - Atual
Periódico: International Journal of Biodiversity


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Morfologia Vegetal/Especialidade: Anatomia Vegetal.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Morfologia Vegetal.
3.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Silvicultura/Especialidade: Genética e Melhoramento Florestal.
4.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Tecnologia e Utilização de Produtos Florestais/Especialidade: Propriedades Fisico-Mecânicas da Madeira.
5.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Tecnologia e Utilização de Produtos Florestais/Especialidade: Química da Madeira.
6.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Técnicas e Operações Florestais/Especialidade: Correlação entre anatomia e propriedades da madeira.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2012
Homenagem da Polícia Rodoviária Federal (apoio na identificação de madeiras), Polícia Rodoviária Federal.
2003
Prêmio Frederico Carlos Hoehne, instituto de Botânica - SMA.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:32
Total de citações:76
Fator H:4
Longui, Eduardo  Data: 13/07/2017

SciELO
Total de trabalhos:54
Total de citações:63
Longui, E.L.  Data: 27/07/2018

SCOPUS
Total de trabalhos:54
Total de citações:142
Longui, E.L.  Data: 27/07/2018

Outras
Total de trabalhos:54
Total de citações:100
Longui, E.L.  Data: 27/07/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
LONGUI, EDUARDO L.2018LONGUI, EDUARDO L.; GALÃO, ANA T. D. ; RAJPUT, KISHORE S. ; DE MELO, ANTÔNIO C.G. . Anatomical investigation of root, stem and branch wood in 10-year-old Inga laurina in the context of anatomical adaptation to hydraulic and mechanical stresses. Anales de Biología, v. 1, p. 31-39, 2018.

2.
LONGUI, E. L.2017LONGUI, E. L.; PIRES, G. T. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; ROMEIRO, D. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; ZANATTO, A.C.S. . Genetic Versus Environmental Influence on Radial Variation in Myracrodruon urundeuva Wood. FLORAM, v. 24, p. 1-10, 2017.

3.
LONGUI, E. L.2017LONGUI, E. L.; MOUREIRA, J. A. ; LOMBARDI, D. R. ; SILVA JUNIOR, F. G. ; ALVES, E. S. . Potential use of Libidibia ferrea and Poincianella pluviosa woods for bows of string instruments. European Journal of Wood and Wood Products, v. 3, p. 1-12, 2017.

4.
LONGUI, E.L.2017LONGUI, E.L.; OLIVEIRA, I.R. ; GRAEBNER, R. C. ; FREITAS, M. L. M. ; Garcia, J. N. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Relationships among wood anatomy, hydraulic conductivity, density and shear parallel to the grain in the wood of 24-year-old Handroanthus vellosoi (Bignoniaceae). Rodriguesia, v. 68, p. 1217-1224, 2017.

5.
LONGUI, E. L.2017LONGUI, E. L.; RAJPUT, K. S. ; MELO, A. C. G. ; ALVES, L.A. ; NASCIMENTO, C.B. . Root to branch wood anatomical variation and its influence on hydraulic conductivity in five Brazilian Cerrado species. Bosque, v. 38, p. 183-193, 2017.

6.
OLIVEIRA, I.R.2017OLIVEIRA, I.R. ; CHAGAS, M. P. ; BOUILLET, J. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; BORDRON, B. ; FERREIRA, A. B. ; TOMMASIELLO FILHO, M. . Effect of tree spacing on growth and wood density of 38-year-old trees in Brazil. Southern Forests, v. 1, p. 1-8, 2017.

7.
KELLER, A.2017KELLER, A. ; BALLARIN, A. W. ; FREITAS, M. L. M. ; ZANATTO, A.C.S. ; LONGUI, E. L. . Physical-mechanical properties of Myracrodruon urundeuva in homogeneous planting. REVISTA DO INSTITUTO FLORESTAL, v. 29, p. 239-251, 2017.

8.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2016LONGUI, E. L.; SANTOS, M.Z.O. ; ARZOLLA, F. A. R. P. ; VILELA, F.E.S.P. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; SONSIN, J. O. . Differences between root- and stem wood in seedlings and sprouts of Sessea brasiliensis. Rodriguésia (Impresso), v. 67, p. 615-626, 2016.

9.
ASSAD, A.2016ASSAD, A. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; ZANATTO, A.C.S. ; ZANATA, M. . Wood axial characterization of 32-year-old Croton piptocalyx Müll Arg. Euphorbiaceae. . Revista do Instituto Florestal, v. 28, p. 69-75, 2016.

10.
PIRES, G. T.2016PIRES, G. T. ; LONGUI, E.L. ; ALVAREZ, G. A. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; ROMEIRO, D. . Wood hydraulic characteristics in two provenances of Myracrodruon urundeuva Allemão (Anacardiaceae) trees. Revista do Instituto Florestal, v. 28, p. 193-203, 2016.

11.
LONGUI, EDUARDO LUIZ2016LONGUI, EDUARDO LUIZ; PIRES, GABRIELA TRINDADE ; BALLARIN, ADRIANO WAGNER ; MACHADO, JOSÉ ARIMATÉIA RABELO . Shear strength parallel to grain with distinct ray orientation on four Brazilian wood species. European Journal of Wood and Wood Products, v. 6, p. 1, 2016.

12.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2016LONGUI, E. L.; GONDO, C. C. S. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; ZANATTO, A.C.S. ; Garcia, J. N. . Some Properties of Astronium graveolens Wood Along the Stem. FLORAM - Revista Floresta e Ambiente, p. 142-149, 2016.

13.
LIMA, I. L.2015LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; CERATO, C. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; ZANATTO, A.C.S. . Basic specific gravity and anatomy of Peltophorum dubium wood as a function of provenance and radial position. Revista do Instituto Florestal, v. 27, p. 19-29, 2015.

14.
LIMA, I. L.2015LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Zanon, B. R. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; Garcia, J. N. ; BORTOLETTO JUNIOR, G. . Wood anatomy and properties of 24-year-old Liquidambar styraciflua in three diameter classes. Scientia Forestalis (IPEF), v. 43, p. 733-744, 2015.

15.
SANTOS, C.M.2015SANTOS, C.M. ; STARZYNSKI, R. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Radial variation of tracheid features, specific gravity and growth rings in Araucaria angustifolia (Bertol.) Kuntze planted in Cunha-SP.. Revista do Instituto Florestal, v. 27, p. 127-135, 2015.

16.
LIMA, I. L.2015LIMA, I. L. ; MACEDO, H. R. ; GALLO, P. B. ; GONCALVES, P. S. ; Garcia, J. N. ; LONGUI, E. L. ; FREITAS, M. L. M. ; SEBBENN, A. M. . Seleção de clones de Hevea brasiliensis para a região de Mococa, estado de São Paulo. Revista do Instituto Florestal, v. 27, p. 137-143, 2015.

17.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2014LONGUI, E. L.; COSTA, N.O. ; CIELO FILHO, R. ; MARCATI, C.R. ; ROMEIRO, D. ; RAJPUT, K. S. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Wood and Leaf Anatomy of Copaifera langsdorffii Dwarf Trees. IAWA Journal, v. 35, p. 170-185, 2014.

18.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2014LONGUI, E. L.; LIMA, I. L. ; LOMBARDI, D ; Garcia, J. N. ; ALVES, E. S. . Woods with physical, mechanical and acoustic properties similar to those of Caesalpinia echinata have high potential as alternative woods for bow makers. CERNE (UFLA), v. 20, p. 369-376, 2014.

19.
LIMA, I. L.2014LONGUI, E. L.; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; ZANATTO, A.C.S. ; ZANATA, M. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; BORTOLETTO JUNIOR, G. . Physical-Mechanical and Anatomical Characterization in 26-Year-Old Eucalyptus resinifera Wood. Floresta e Ambiente, v. 21, p. 91-98, 2014.

20.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2014LONGUI, E. L.; ROMEIRO, D. ; PFLEGER, P. ; LIMA, I. L. ; SILVA JUNIOR, F. G. ; Garcia, J. N. ; BORTOLETTO JUNIOR, G. ; FREIRE NETO, A. O. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Radial variation of anatomical features, physicomechanical properties and chemical constituents and their potential influence on the wood quality of 45-year-old Eucalyptus propinqua. Australian Forestry, p. 1-8, 2014.

21.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2014LONGUI, E. L.; ASSAD, A. ; ARZOLLA, F. A. R. D. P. ; VILELA, F.E.S.P. ; BAITELLO, J. B. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . ECOLOGICAL WOOD ANATOMY OF OCOTEA CURUCUTUENSIS. IAWA Journal, v. 35, p. 356-362, 2014.

22.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2014LONGUI, E. L.; LIMA, I. L. ; AGUIAR, O. T. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; SUCKOW, I.M.S. . Radial variation of wood anatomy and basic density of Anadenanthera colubrina (Vell.) Brenan. Revista do Instituto Florestal, v. 26, p. 193-201, 2014.

23.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2012 LONGUI, E. L.; BRÉMAUD, I. ; SILVA JUNIOR, F. G. ; LOMBARDI, D ; ALVES, E. S. . Relationship among extractives, lignin and holocellulose contents with performance index of seven wood species used for bows of stringed instruments. IAWA Journal, v. 33, p. 141-149, 2012.

24.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2012LONGUI, E. L.; SILVA, R.A.B.G. ; ROMEIRO, D. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . Root-branch anatomical investigation of Eriotheca gracilipes young trees: a biomechanical and ecological approach. Scientia Forestalis (IPEF), v. 40, p. 23-33, 2012.

25.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2012LONGUI, E. L.; ROMEIRO, D. ; Testoni, L. N. ; AGUIAR, O. T. ; CIELO FILHO, R. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Water deficit affects wood vessels of Croton floribundus Spreng. in different vegetation types, São Paulo State, Brazil. Hoehnea, v. 39, p. 113-123, 2012.

26.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2012LONGUI, E. L.; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. ; ROMEIRO, D. ; SUCKOW, I.M.S. ; TESTONI, L.N. . ESTRUTURA DO LENHO DE Plathymenia reticulata E ALGUMAS IMPLICAÇÕES NA EFICIÊNCIA HIDRÁULICA E RESISTÊNCIA MECÂNICA. Floresta (UFPR. Impresso), v. 42, p. 335, 2012.

27.
RAJPUT, K. S.2012RAJPUT, K. S. ; ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; MARCATI, C.R. . Development of successive cambia and structure of wood in Gallesia integrifolia (Spreng.) Harms (Phytolaccaceae). Trees (Berlin. Print), v. 4, p. 1-8, 2012.

28.
OLIVEIRA, I.R.2012OLIVEIRA, I.R. ; BOTARO, V. R. ; ALMEIDA, M. A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Chemical characterization of Handroanthus vellosoi wood. Revista do Instituto Florestal, v. 24, p. 67-73, 2012.

29.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2012LONGUI, E. L.; ROMEIRO, D. ; ALVES, E. S. . Differences in anatomy and potential hydraulic conductivity between root and stem of Caesalpinia echinata Lam. (Fabaceae). Hoehnea, v. 39, p. 649-655, 2012.

30.
NAKANO, M.A.2012NAKANO, M.A. ; FEITOSA, R.M. ; MORAES, C.O. ; ADRIANO, L.D.C. ; HENGLES, E.P. ; LONGUI, E.L. ; MORINI, M.S.C. . Assembly of Myrmelachista Roger (Formicidae: Formicinae) in twigs fallen on the leaf litter of Brazilian Atlantic Forest. Journal of Natural History, v. 46, p. 2103-2115, 2012.

31.
TUNG, E. S.. C.2011TUNG, E. S.. C. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; MORAES, M. L. T. ; SEBBENN, A. M. . Variação, divergência e correlações genéticas entre caracteres silviculturais e densidade básica da madeira em progênies de Myracrodruon urundeuva (Engler) Fr. Allem.. Revista do Instituto Florestal, v. 23, p. 1-12, 2011.

32.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2011LONGUI, E. L.; ROMEIRO, D. ; SILVA, M. T. ; RIBEIRO, A. ; GOUVEIA, T.C. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Caracterização do lenho e variação radial de Pittosporum undulatum Vent. (pau-incenso). Hoehnea, v. 38, p. 37-50, 2011.

33.
LIMA, I. L.2011LIMA, I. L. ; GARCIA, R ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Dimensões celulares da madeira de Tectona grandis Linn. em função do espaçamento e posição radial. Scientia Forestalis (IPEF), v. 39, p. 61-68, 2011.

34.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2011 LONGUI, E. L.; LIMA, I. L. ; ANDRADE, I.M. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; ZANATTO, A.C.S. ; SILVA JUNIOR, F. G. . Seed provenance influences the wood structure of Gallesia Integrifolia. IAWA Journal, v. 32, p. 361-374, 2011.

35.
SANTOS, C.M.2011SANTOS, C.M. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; ZANATTO, A.C.S. ; MORAIS, E. ; ZANATA, M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . A densidade básica e características anatômicas variam radialmente na madeira de Astronium graveolens Jacq. (Anacardiaceae). Revista do Instituto Florestal, v. 23, p. 191-201, 2011.

36.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2011LONGUI, E. L.; LOMBARDI, D ; ALVES, E. S. . Six potential woods for bows of stringed instruments: organoleptic properties, machining and commercial availability. Revista do Instituto Florestal, v. 23, p. 203-216, 2011.

37.
LIMA, I. L.2011LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; GARCIA, M.F. ; ZANATTO, A.C.S. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Variação radial da densidade básica e dimensões celulares da madeira de Cariniana legalis (Mart.) O. Kuntze em função da procedência. CERNE (UFLA), v. 17, p. 517-524, 2011.

38.
LIMA, I. L.2011LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; GARCIA, R ; LUCA, E.F. ; SILVA JUNIOR, F. G. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Propriedades da Madeira de Eucalyptus umbra R. T. Baker em Função do Diâmetro e da Posição Radial na Tora. Floresta e Ambiente, v. 18, p. 289-298, 2011.

39.
LIMA, I. L.2011LIMA, I. L. ; MASTELIN, S. M. ; LONGUI, E. L. ; FREITAS, M. L. M. ; ROMEIRO, D. ; ZANATTO, A.C.S. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Densidade básica e dimensões celulares da madeira de Balfourodendron riedelianum em função da procedência e posição radial. Revista do Instituto Florestal, v. 23, p. 217-230, 2011.

40.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2010LONGUI, E. L.; YOJO, T. ; LOMBARDI, D ; ALVES, E. S. . The Potential of Ipê (Handroanthus SPP.) and Maçaranduba (Manilkara SPP.) Woods in the manufacture of bows for string instruments. IAWA Journal, v. 31, p. 149-160, 2010.

41.
Lima, I. L.2010Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; ANDRADE, I.M. ; Garcia, J. N. ; ZANATTO, A.C.S. ; MORAIS, E. ; Florsheim, S. M. B. . Efeito da procedência em algumas propriedades da madeira de Gallesia integrifolia (Spreng.) Harms. Revista do Instituto Florestal, v. 22, p. 61-69, 2010.

42.
LIMA, I. L.2010LIMA, I. L. ; Zanon, B. R. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO RADIAL DA DENSIDADE BÁSICA E DIMENSÕES CELULARES DE Croton floribundus. Floresta (UFPR. Impresso), v. 40, p. 663-670, 2010.

43.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2010 LONGUI, E. L.; LOMBARDI, D ; ALVES, E. S. . Potential Brazilian wood species for bows of string instruments. Holzforschung (Berlin. Print), v. 64, p. 511-520, 2010.

44.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2010LONGUI, E. L.; Lima, I. L. ; SILVA JUNIOR, F. G. ; SUCKOW, I.M.S. ; Florsheim, S. M. B. . Correlações entre algumas propriedades físicas, características químicas e anatômicas da madeira de Luehea divaricata MART. Malvaceae (Tiliaceae). Revista do Instituto Florestal, v. 22, p. 177-187, 2010.

45.
SANTINI JUNIOR, L.2010SANTINI JUNIOR, L. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; AGUIAR, O. T. ; Florsheim, S. M. B. . Análise anatômica qualitativa e quantitativa e densidade básica da madeira de Alchornea sidifolia Muell. Arg. (Euphorbiaceae). Revista do Instituto Florestal, v. 22, p. 201-214, 2010.

46.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2010LONGUI, E. L.; Lima, I. L. ; SILVA JUNIOR, F. G. ; BUFOLO, A. ; SUCKOW, I.M.S. ; Florsheim, S. M. B. . Variação radial das características anatômicas, densidade aparente, teores de extrativos, lignina e holocelulose na madeira de Piptadenia gonoacantha (Mart.) Macbr.. Scientia Forestalis (IPEF), v. 38, p. 341-353, 2010.

47.
TUNG, E. S.. C.2010TUNG, E. S.. C. ; FREITAS, M. L. M. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; MORAES, M. L. T. ; SANTOS, F. W. ; SEBBENN, A. M. . Variação genética para caracteres silviculturais e no diâmetro e frequência de vasos em progênies de Myracrodruon urundeuva (Engler) FR. Allem.. Scientia Forestalis (IPEF), v. 38, p. 499-508, 2010.

48.
LIMA, I. L.2010LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; SANTINI JUNIOR, L. ; GARCIA, J. N. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Effect of fertilization on cell size in wood of Eucalyptus grandis Hill ex Maiden. CERNE (UFLA), v. 16, p. 465-472, 2010.

49.
Florsheim, S. M. B.2009Florsheim, S. M. B. ; Couto, H.T.Z. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. . Variação nas dimensões dos elementos anatômicos da madeira de Eucalyptus dunnii aos sete anos de idade. Revista do Instituto Florestal, v. 21, p. 79-91, 2009.

50.
Lima, I. L.2009Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Influência do espaçamento em algumas propriedades físicas da madeira de Tectona grandis Linn. CERNE (Lavras), v. 15, p. 244-250, 2009.

51.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2009LONGUI, E. L.; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; BUFOLO, A. . Variação anatômica radial do lenho de açoita-cavalo (Luehea divaricata) e sua influência na densidade aparente. Revista do Instituto Florestal, v. 21, p. 181-190, 2009.

52.
LONGUI, E. L.;LONGUI, E.L.;LONGUI, EDUARDO LUIZ;LONGUI, EDUARDO L.2009LONGUI, E. L.; BUFOLO, A. ; AGUIAR, O. T. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. . Anatomia comparada do lenho de Piptadenia gonoacantha (Mart.) J.F.Macbr. em dois tipos de vegetação. Hoehnea, v. 36, p. 715-724, 2009.

53.
ALVES, E. S.2008ALVES, E. S. ; TRESMONTI, F. ; LONGUI, E. L. . Análise estrutural de folhas de Eugenia uniflora L. (Myrtaceae) coletadas em ambientes rural e urbano, SP, Brasil. Acta Botanica Brasílica (Impresso), v. 22, p. 241-248, 2008.

54.
ALVES, E. S.2008 ALVES, E. S. ; LONGUI, E. L. ; AMANO, E . Pernambuco Wood (Caesalpinia Echinata) used in the Manufacture of Bows for String Instruments. IAWA Journal, v. 29, p. 323-335, 2008.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
LONGUI, E. L.; ANNUNCIATO, C . Mundo microscópico - Livro do professor. 10. ed. São Paulo: Sangari Brasil, 2007. v. 1. 200p .

2.
LONGUI, E. L.; ANNUNCIATO, C . Mundo microscópico - Livro do aluno. São Paulo: Sangari Brasil, 2007. v. 1. 151p .

3.
LONGUI, E. L.; NAZARIO, N. . Diversidade das Plantas - livro do professor. 10. ed. São Paulo: Sangari Brasil, 2007. v. 1. 203p .

4.
LONGUI, E. L.; NAZARIO, N. . Diversidade das Plantas - livro do aluno. São Paulo: Sangari Brasil, 2007. v. 1. 169p .

5.
SIGNORELLI, V. I. ; ANNUNCIATO, C ; LONGUI, E. L. ; COTOMACCI, M. ; AZZELLINI, M.A.A. ; MELO, P. ; OSORIO, T. C. . Vida das Plantas - livro do professor. 10. ed. São Paulo: Sangari Brasil, 2006. v. 1. 160p .

6.
SIGNORELLI, V. I. ; ANNUNCIATO, C ; LONGUI, E. L. ; COTOMACCI, M. ; AZZELLINI, M.A.A. ; MELO, P. ; OSORIO, T. C. . Vida das Plantas - livro do aluno. São Paulo: Sangari Brasil, 2006. v. 1. 119p .

7.
SIGNORELLI, V. I. ; ANNUNCIATO, C ; LONGUI, E. L. ; COTOMACCI, M. ; AZZELLINI, M.A.A. ; MELO, P. ; OSORIO, T. C. ; NAZARIO, N. ; RODRIGUES, S. . Ciclos de Vida - livro do professor. 10. ed. São Paulo: Sangari Brasil, 2006. v. 1. 163p .

8.
SIGNORELLI, V. I. ; ANNUNCIATO, C ; LONGUI, E. L. ; AVILA, E. ; COTOMACCI, M. ; AZZELLINI, M.A.A. ; NAZARIO, N. ; MELO, P. ; OSORIO, T. C. ; MESSIAS, W. . Corpo Humano - livro do professor. 10. ed. São Paulo: Sangari Brasil, 2006. v. 1. 203p .

9.
LONGUI, E. L.; OSORIO, T. C. ; MELO, P. ; NAZARIO, N. ; AVILA, E. . Corpo humano - livro do aluno. São Paulo: Sangari Brasil, 2006. v. 1. 163p .

10.
SIGNORELLI, V. I. ; ANNUNCIATO, C ; LONGUI, E. L. ; COTOMACCI, M. ; AZZELLINI, M.A.A. ; MELO, P. ; OSORIO, T. C. ; NAZARIO, N. ; RODRIGUES, S. . Ciclos de Vida - livro do aluno. São Paulo: Sangari Brasil, 2006. v. 1. 129p .

11.
LONGUI, E. L.; SIGNORELLI, V. I. . Regulação e reprodução no organismo humano - livro do professor. 10. ed. São Paulo: Sangari do Brasil, 2005. v. 1. 175p .

12.
LONGUI, E. L.; SIGNORELLI, V. I. . Regulação e reprodução no organismo humano - livro do aluno. São Paulo: Sangari do Brasil, 2005. v. 1. 99p .

Capítulos de livros publicados
1.
ALVES, E. S. ; ANGYALOSSY, V ; LONGUI, E. L. ; LOMBARDI, D ; AMANO, E ; VARGAS, A. . O arco: arte e ciência. In: In: Rita de Cássia Leone Figueiredo-Ribeiro; Cláudio José Barbedo; Edenise Segala Alves; Marisa Domingos; Márcia Regina Braga. (Org.). (Org.). Pau-brasil da semente à madeira. Conhecer para conservar. 1ed.São Paulo: Secretaria do Meio Ambiente, 2008, v. 01, p. 175-183.

2.
DOMINGOS, M. ; Segala Alves ; Bulbovas ; Cunha ; LONGUI, E. L. ; Lourençon ; Moraes ; Rinaldi ; Mazzoni-Viveiros . Reactions of Caesalpinia echinata Lam., a Braziilian tree species, to urban air pollution stress. In: Andreas Klumpp; Wolfgang Ansel; Gabriele Klumpp.. (Org.).. (Org.). Urban Air Pollution, Bioindication and Environmemtal Awareness. 1ed.Göttingen: Cuvillier Verlag, 2004, v. v. 1, p. 279-287.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
LOPES, O. P. ; LONGUI, E. L. . Densidade da madeira de Balfourodendron riedelianum com 33 anos de idade em diferentes partes da planta. In: III CBCTEM Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia da Madeira, 2017, Florianópolis. III CBCTEM Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia da Madeira, 2017.

2.
OLIVEIRA, I.R. ; LONGUI, E. L. ; PADUA, F. A. . Influencia da posição axial e da procedência das sementes na densidade aparente da madeira de Handroanthus vellosoi. In: XIII Encontro Brasileiro em Madeiras e em Estrutura de Madeira (EBRAMEM), 2012, Vitória, ES. XIII Encontro Brasileiro em Madeiras e em Estrutura de Madeira (EBRAMEM), 2012.

3.
Domingos ; Segala Alves ; Bulbovas ; Cunha ; LONGUI, E. L. ; Lourençon ; Moraes ; Rinaldi ; Mazzoni-Viveiros . Reactions Of Caesalpinia echinata Lam., A Brazilian Tree Species, To Urban Air Pollution Stress.. In: Eurobionet 2002 Conference on Urban Air Pollution, Bioindication & Environmental Awareness, 2002, Stuttgart. Urban Air Pollution, Bioindication & Environmental Awareness, 2002.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
AMARAL, M. M. ; OLIVEIRA, T. C. S. ; LONGUI, E.L. ; ANGYALOSSY, V. . Identificação de madeira a partir da serragem aderida à motosserra. In: XXIV Congresso Nacional de Criminalística, VII Congresso Internacional de Pericia Criminal e XXIV Exposição de Tecnologias Aplicadas à Criminalística, 2017, Florianópolis. XXIV Congresso Nacional de Criminalística, VII Congresso Internacional de Pericia Criminal e XXIV Exposição de Tecnologias Aplicadas à Criminalística, 2017.

2.
LONGUI, E. L.. Anatomia ecológica da madeira de algumas espécies nativas de ocorrência natural e plantadas. In: 62º Congresso Nacional de Botânica, 2011, Fortaleza. Palestras magistrais, Simpósios e Mesas-redondas. Fortaleza: Editora da Universidade Estadual do Ceará, 2011. p. 122-124.

3.
SANTINI JUNIOR, L. ; LIMA, I. L. ; BUFOLO, A. ; MOURA, A. E. ; BIBINI, G. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Densidade básica e dimensões celulares em diferentes espécies de Eucalyptus L?Herit., plantadas em Itatinga/SP. In: 4º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2010, São Paulo. IF Serie Registros. São Paulo, 2010. v. 43. p. 15-21.

4.
MASTELIN, S. M. ; LIMA, I. L. ; Zanon, B. R. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Densidade básica e dimensões celulares da madeira de Balfourodendron riedelianum em função da procedência e variação radial. In: 4º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2010, São Paulo. IF Serie Registros. São Paulo, 2010. v. 43. p. 23-28.

5.
ANDRADE, I.M. ; LONGUI, E. L. ; SANTINI JUNIOR, L. ; SOBRAL, E. S. ; AGUIAR, O. T. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. . Anatomia comparada do lenho de quatro espécies de Gomidesia O. Berg (Myrtaceae) do Parque Estadual Carlos Botelho ? SP. In: 4º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2010, São Paulo. IF Serie Registros. São Paulo, 2010. v. 43. p. 93-98.

6.
OVANDO, P. C. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; SANTINI JUNIOR, L. ; AGUIAR, O. T. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. . Anatomia do lenho de Myrcia albo-tomentosa Camb. e Myrcia multiflora (Lam.) DC. (Myrtaceae). In: 4º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2010, São Paulo. IF Serie Registros. São Paulo, 2010. v. 43. p. 99-105.

7.
ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; MORENO, N. B. ; HERREIRA, L. A. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . Características anatômicas quantitativas da raiz, tronco e ramo em árvores jovens de Xylopia aromatica (Lam.) Mart.. In: 4º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2010, São Paulo. IF Serie Registros. São Paulo, 2010. v. 43. p. 107-112.

8.
GARCIA, R ; BIBINI, G. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; Garcia, J. N. . Correlações entre características das fibras, densidade aparente, velocidade de propagação do som e resistência ao cisalhamento na madeira de Caesalpinia echinata (pau-brasil). In: 4º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2010, São Paulo. IF Serie Registros. São Paulo, 2010. v. 43. p. 113-117.

9.
ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; AGUIAR, O. T. ; MELO, A. C. G. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Variação nos elementos de vaso e índices ecológicos no lenho de Luehea divarcata Mart. e Luehea grandiflora Mart. & Zucc. em diferentes tipos de vegetação. In: 4º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2010, São Paulo. IF Serie Registros. São Paulo, 2010. v. 43. p. 173-179.

10.
LONGUI, E. L.; MENK, C.G. ; GARCIA, J. N. ; ALVES, E. S. . CORRELAÇÕES ENTRE ANATOMIA, VELOCIDADE DE PROPAGAÇÃO DO SOM, DENSIDADE APARENTE E RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO EM TRÊS MADEIRAS NATIVAS. In: XII Encontro Brasileiro em Madeiras e em Estruturas de Madeiras ? XII EBRAMEM, 2010, Lavras. Brasileiro em Madeiras e em Estruturas de Madeiras ? XII EBRAMEM, 2010. p. 1-8.

11.
GOUVEIA, T.C. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. ; MELO, A. C. G. . Anatomia comparada das fibras e elementos de vaso da raiz, caule e ramo de Copaifera langsdorffii Desf.. In: 3º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal - IF Série Registros, 2009. v. 40. p. 121-124.

12.
ANDRADE, I.M. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. . Efeito da procedência na variação radial do comprimento das fibras e densidade básica de Gallesia integrifolia (Spreng.) Harms.. In: 3º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 39-43.

13.
Testoni, L. N. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . Anatomia, densidade aparente e velocidade de propagação do som na madeira de Plathymenia reticulata. In: 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 125-130.

14.
SUCKOW, I.M.S. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; AGUIAR, O. T. . Anatomia da madeira e densidade básica de angico-branco Anadenanthera colubrina (Vell.) Brenan. In: 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 131-135.

15.
SANTINI JUNIOR, L. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Efeito da fertilização na variação da densidade básica e dimensões das fibras em função da posição radial na árvore de Eucalyptus grandis. In: 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 33-37.

16.
GARCIA, R ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Influência do espaçamento e da posição radial na variação do elementos anatômicos da madeira de Tectona grandis Linn.. In: 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 51-56.

17.
BUFOLO, A. ; BIBINI, G. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Variabilidade da densidade básica e das dimensões de fibra em diferentes espécies de Eucalyptus. In: 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 63-68.

18.
Zanon, B. R. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Variação de algumas propriedades físicas e anatômicas da madeira de Liquidambar styraciflua L. (sweet gum) em função da posição radial na tora. In: 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 69-74.

19.
GARCIA, M.F. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. . Variação radial da densidade básica e comprimento de fibras de diferentes procedências de Cariniana legalis Lecythidaceae. In: 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009, São Paulo. 3° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2009. v. 40. p. 75-80.

20.
Zanon, B. R. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. . Variação radial da densidade básica e dimensões celulares de Croton floribundus Spreng. na Serra da Cantareira, SP.. In: 2º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2008, São Paulo. 2º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2008.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BARBEDO, V. H. ; LONGUI, E.L. . Proposta de um sistema automático para identificação de madeiras. In: 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018, São Paulo. 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018.

2.
BARROS, L. C. A. ; LONGUI, E.L. ; BALLARIN, A. W. . Caracterização da madeira de espécies alternativas para a produção de clarinetes. In: 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018, São Paulo. 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018.

3.
CUSTODIO, G. H. ; LONGUI, E.L. ; CAMBUIM, J. ; MORAES, M. L. T. . Caracterização anatômica e de algumas propriedades em teste de progênies com três espécies em consórcio. In: 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018, São Paulo. 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018.

4.
MOUREIRA, J. A. ; ZANATA, M. ; LONGUI, E.L. . Variabilidade espacial dos atributos químicos do solo e propriedades da madeira em variedades de Pinus caribaea Morelet. In: 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018, São Paulo. 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018.

5.
SILVA, N. M. P. ; LONGUI, E.L. ; BARBEDO, V. H. ; CAMBUIM, J. ; MORAES, M. L. T. . Variações do diâmetro e densidade dos vasos em Dipteryx alata Vogel em relação à altura da árvore. In: 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018, São Paulo. 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018.

6.
SANTOS, C. H. ; LONGUI, E.L. ; VIEIRA, W. L. . Dimensões das fibras da madeira de Corymbia citriodora em três tipos de solo. In: 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018, São Paulo. 12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2018.

7.
BARROS, L. C. A. ; MUSZYNSKI, L. ; LONGUI, E.L. . A Quest For Sustainable Alternative Wood Species To Produce World Class Clarinets. In: IUFRO 2017 Division 5 Conference, 2017, Vancouver. IUFRO 2017 Division 5 Conference, 2017.

8.
GIBELLI, P. O. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Variação do diâmetro dos vasos na madeira de clone de Hevea brasiliensis. In: 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017, São Paulo. 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017.

9.
MARTINS, D. A. ; ZANATA, M. ; LONGUI, E. L. . Variabilidade espacial dos atributos do solo em função das características dendrométricas e da madeira de Pinus caribaea bahamensis e Pinus caribaea hondurensis. In: 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017, São Paulo. 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017.

10.
CUSTODIO, G. H. ; LONGUI, E. L. . Afunilamento do diâmetro dos vasos e densidade do lenho de Genipa americana L. em relação à altura da árvore. In: 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017, São Paulo. 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017.

11.
OLIVEIRA, T. C. ; LONGUI, E. L. ; AMARAL, M. M. . Identificação de madeira de Pinus caribeae, Araucaria angustifolia e Eucalyptus grandis a partir da serragem aderida à motosserra. In: 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017, São Paulo. 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017.

12.
BARBEDO, V. H. ; LONGUI, E. L. ; AGUIAR, A. V. ; ABREU, L. M. ; MORAES, M. L. T. . Herdabilidade genotípica do diâmetro e frequência dos vasos da madeira em progênies de Dipteryx alata vogel ao longo dos anéis de crescimento. In: 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017, São Paulo. 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2017.

13.
BARROSO, S.C. ; FERNANDES, T. T. ; OLIVEIRA, C.M. ; LONGUI, E.L. ; MORINI, M.S.C. . Structure and anatomy of Pheidole-colonized wood branches. In: XXIII Simpósio de Mirmecologia: An International Ant Meeting, 2017, Curitiba. XXIII Simpósio de Mirmecologia: An International Ant Meeting, 2017.

14.
Oliveira, C.M. ; Kubo, B.Y. ; Fernandes, T.T. ; Cunha, L.S. ; LONGUI, E. L. ; MORINI, M.S.C. . RELAÇÃO ENTRE ANATOMIA DA MADEIRA E ABUNDÂNCIA DE COLEÓPTEROS EM GALHOS DISPERSOS NA SERAPILHEIRA DE FLORESTA ATLÂNTICA. In: XXXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 2016, Cuiabá - MT. XXXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 2016. v. 1. p. 770-770.

15.
MOUREIRA, J. A. ; LONGUI, E. L. . Potential use of Libidibia ferrea and Poincianella pluviosa woods for bows of string instruments. In: Congresso de Ciência e Tecnologia Florestal e Ambiental, 2016, Sorocaba. Congresso de Ciência e Tecnologia Florestal e Ambiental, 2016.

16.
MOUREIRA, J. A. ; LONGUI, E. L. ; SOUZA, I. C. G. ; ODA, S. . Wood specific gravity of Eucalyptus grandis and Eucalyptus grandis X Eucalyptus urophylla with different ploidy degrees. In: Congresso de Ciência e Tecnologia Florestal e Ambiental, 2016, Sorocaba. Congresso de Ciência e Tecnologia Florestal e Ambiental, 2016.

17.
CUSTODIO, G. H. ; LONGUI, E. L. . Axial variation of specific gravity in two provenances of Peltophorum dubium (Spreng.) Taub.. In: Congresso de Ciência e Tecnologia Florestal e Ambiental, 2016, Sorocaba. Congresso de Ciência e Tecnologia Florestal e Ambiental, 2016.

18.
PODADERA, D. S. ; LONGUI, E.L. ; WIEDENHOEFT, A. ; MARCATI, C.R. . Relations between hydraulic conductivity and wood anatomical traits of Brazilian savanna species: preliminary results. In: Plant Biology Europe EPSO/FESPB 2016 Congress, 2016, Prague, Czech Republic. Plant Biology Europe EPSO/FESPB 2016 Congress, 2016. v. 1. p. 108-108.

19.
CUSTODIO, G. H. ; LONGUI, E. L. . TAPERING NO DIÂMETRO DOS VASOS NA MADEIRA DE Peltophorum dubium (SPRENG.) TAUB.. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016.

20.
MEDEIROS, O. C. ; LONGUI, E. L. ; SOUZA, I. C. G. ; ODA, S. . COMPARAÇÃO DA ANATOMIA E DENSIDADE APARENTE DA MADEIRA DE Eucalyptus grandis E Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla COM DIFERENTES GRAUS DE PLOIDIA. In: 10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016.

21.
TEIXEIRA, L. M. ; LONGUI, E. L. ; CAMBUIM, J. ; MORAES, M. L. T. . HERDABILIDADE DO DIÂMETRO DOS VASOS DA MADEIRA EM PROGÊNIES DE Dipteryx alata VOGEL: ESTIMATIVA DE PARÂMETROS GENÉTICOS EM CARACTERES ANATÔMICOS DA MADEIRA. In: 10º Seminário de Iniciação Científica do instituto Florestal, 2016, São Paulo. 10º Seminário de Iniciação Científica do instituto Florestal, 2016.

22.
OLIVEIRA, A. J. M. B. ; LONGUI, E. L. ; ZANATTO, B. . RELAÇÃO ENTRE CONDUTIVIDADE HIDRÁULICA E RIGIDEZ NA MADEIRA DE ÁRVORES JOVENS DE Eriobothrya japonica, Ligustrum lucidum e Tecoma stans. In: 10º Seminário de Iniciação Científica do instituto Florestal, 2016, São Paulo. 10º Seminário de Iniciação Científica do instituto Florestal, 2016.

23.
PANEQUE, L. N. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MACHADO, J. A. R. . Densidade básica e teor de umidade da madeira de ' Balfourodendron riedelianum ' em função do local de plantio. In: 10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016, São Paulo. 10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016.

24.
BARBOSA, J. A. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; OLIVEIRA, I.R. . Variação em propriedades da madeira de 'Pinus caribea' var. 'hondurensis' e 'Pinus tecunumanii. In: 10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016, São Paulo. 10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2016.

25.
LOPES, O. P. ; MARCATI, C.R. ; LONGUI, E. L. . Condutividade hidráulica determinada em diferentes posições da copa de Cariniana legalis (Mart.) Kuntze e Handroanthus vellosoi (Toledo) Mattos. In: 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA, 2016, Vitória. 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA, 2016.

26.
LOPES, O. P. ; GALAO, A. T. D. ; ALVAREZ, G. A. ; LONGUI, E. L. . Wood hydraulic conductivity from six Brazilian pioneer/secondary initial and non-pioneers species. In: 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA, 2016, Vitória. 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA, 2016.

27.
SILVA, J. R. ; BLAGITZ, M. ; LONGUI, E. L. ; MARCATI, C.R. . Diâmetro de vasos e condutividade hidráulica potencial em três procedências de Balfourodendron riedelianum (Engl.) Engl. (Rutaceae) cultivadas em condições homogêneas. In: 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA, 2016, Vitória. 67º CONGRESSO NACIONAL DE BOTÂNICA, XXXVI ERBOT e 8ª JORNADA CAPIXABA DE BOTÂNICA, 2016.

28.
ZANATTO, B. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; ZANATTO, A.C.S. . VARIAÇÃO DA CONDUTIVIDADE HIDRÁULICA E DENSIDADE APARENTE DA MADEIRA ENTRE RAIZ, CAULE E COPA EM QUATRO ESPÉCIES NATIVAS BRASILEIRAS. In: 9° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São paulo. 9° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal.

29.
MOREIRA, I. V. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; MORAES, M. L. T. ; CAMBUIM, J. . VARIABILIDADE GENÉTICA DAS PROPRIEDADES FÍSICAS E ANATÔMICAS DA MADEIRA EM CLONES DE Hevea brasiliensis (Willd. ex Adr. Jussieu) Muell. Arg.. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

30.
ARCE, J. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; PONTINHA, A. A. S. . VARIAÇÃO RADIAL DA DENSIDADE APARENTE NA MADEIRA DE Cupressus lusitanica MILL.. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

31.
ARCE, J. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . ALGUMAS CARACTERÍSTICAS ANATÔMICAS QUANTITATIVAS DO LENHO DA RAIZ DE SEIS ESPÉCIES NATIVAS BRASILEIRAS. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

32.
MOUREIRA, J. A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; LOMBARDI, D. R. ; SILVA JUNIOR, F. G. . POTENCIAL DAS MADEIRAS DE Libidibia ferrea (MART. EX TUL.) L.P.QUEIROZ E Poincianella pluviosa (DC.) L.P.QUEIROZ NA FABRICAÇÃO DE ARCOS PARA INSTRUMENTOS DE CORDA. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

33.
BARBOSA, J. A. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; PONTINHA, A. A. S. . VARIAÇÃO RADIAL DA DENSIDADE APARENTE DA MADEIRA DE Eucalyptus viminalis var. Juss (Labill). In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

34.
VICENTIN, P. G. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; ZANATTO, A.C.S. . INFLUÊNCIA DO ESPAÇAMENTO EM PROPRIEDADES DA MADEIRA Cariniana legalis, AOS 38 ANOS DE IDADE. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

35.
VICENTIN, P. G. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; VILAS BÔAS, O. . DENSIDADE BÁSICA E DIMENSÕES CELULARES DA MADEIRA EM CLONES DE Eucalyptus, AOS QUATRO ANOS DE IDADE. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

36.
MIRANDA, R. A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; MORAES, M. L. T. ; CAMBUIM, J. . HERDABILIDADE DO DIÂMETRO E FREQUÊNCIA DOS VASOS DA MADEIRA EM PROGÊNIES DE Dipteryx alata VOGEL. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

37.
FERREIRA, W. M. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. ; CAMBUIM, J. . PORCENTAGEM DA ÁREA DE VASOS AO LONGO DOS ANÉIS DE CRESCIMENTO DE Annona crassiflora MART.. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

38.
FERREIRA, W. M. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. ; PONTINHA, A. A. S. . VARIAÇÃO AXIAL DA DENSIDADE BÁSICA E RETRAÇÃO VOLUMÉTRICA EM Cupressus lusitanica Mill.. In: 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015, São Paulo. 9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2015.

39.
SILVA, A. C. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. . VARIAÇÃO LONGITUDINAL DA DENSIDADE BÁSICA E COMPRIMENTO DE FIBRA DA MADEIRA DE Anadenanthera colubrina var. cebil (Griseb.) Altschul. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

40.
GALAO, A. T. D. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . CONDUTIVIDADE HIDRÁULICA DO LENHO DE ESPÉCIES PIONEIRAS/SECUNDÁRIAS INICIAIS E NÃO PIONEIRAS. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

41.
PIRES, G. T. ; LONGUI, E. L. ; BALLARIN, A. W. ; LIMA, I. L. ; MACHADO, J. A. R. ; FLORSHEIM, S. M. B. . EFEITO DA ORIENTAÇÃO DOS RAIOS NA RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO PARALELO À GRÃ DA MADEIRA DE QUATRO ESPÉCIES BRASILEIRAS. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

42.
OLIVEIRA, L. A. F. ; LONGUI, E. L. ; MARCATI, C.R. ; WIEDENHOEFT, A. . CONDUTIVIDADE HIDRÁULICA ESTIMADA EM DEZ ESPÉCIES BRASILEIRAS. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

43.
OLIVEIRA, L. A. F. ; LONGUI, E. L. ; MORAES, M. L. T. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . DIMENSÕES DAS FIBRAS E DENSIDADE DA MADEIRA DE MYRACRODRUON URUNDEUVA ALLEMÃO EM DOIS SISTEMAS DE PLANTIO. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

44.
VICENTIN, P. G. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; MORAES, M. L. T. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO LONGITUDINAL DA DENSIDADE BÁSICA E DIMENSÕES CELULARES DA MADEIRA Curatella americana L.. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

45.
JUSTO, R.A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . RELAÇÃO ENTRE RIGIDEZ E CONDUTIVIDADE HIDRÁULICA NA MADEIRA DE ÁRVORES JOVENS DE Aspidosperma ramiflorum, Calophyllum brasiliense, Cariniana Legalis E Cordia americana. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

46.
FERREIRA, W. M. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LIMA, I. L. ; MORAES, M. L. T. . PORCENTAGEM DA ÁREA DE VASOS AO LONGO DOS ANÉIS DE CRESCIMENTO DE Annona crassiflora MART.. In: 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014, São Paulo. 8° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2014. v. 1. p. 1-1.

47.
JUSTO,R.A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. . Variação axial das caracaterísticas anatômicas das fibras e do comprimento dos elementos de vaso na madeira de Poincianella pluviosa var. peltophoroides (Benth.) G.P.Lewis. In: XX Congresso de Iniciação Científica da UFSCar, 2013, São Carlos, SP, 2013, Sorocaba. Anais de Eventos da UFSCar, 2013.

48.
ASSAD, A. ; LONGUI, E. L. ; ARZOLLA, F. A. R. D. P. ; VILELA, F.E.S.P. ; BAITELLO, J. B. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Anatomia comparada dos vasos no lenho de Ocotea curucutuensis Baitello (Lauraceae) proveniente do Pico do Itapeva e do Núcleo Curucutu do Parque Estadual da Serra do Mar. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

49.
GALAO, A. T. D. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; MELO, A. C. G. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Variação axial do agrupamento de vasos e dimensões dos raios de Inga laurina (Sw.) Willd Fabaceae. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

50.
SANTOS, C.M. ; ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Dendrocronologia de Platycladus orientalis (L.) Franco proveniente do Parque Estadual Alberto Löfgren. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

51.
FARIA, E. ; LONGUI, E. L. ; STARZYNSKI, R. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Características do lenho de Micropholis crassipedicellata (Mart. & Eichler) Pierre ao longo do gradiente altitudinal do Parque Estadual da Serra do Mar-Núcleos Cunha e Picinguaba. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

52.
PIRES, G. T. ; LONGUI, E. L. ; ALVAREZ, G. A. ; LIMA, I. L. ; ROMEIRO, D. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Arquitetura hidráulica em duas procedências de Myracrodruon urundeuva Allemão (Anacardiaceae). In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

53.
OLIVEIRA, I.R. ; LONGUI, E. L. ; COMBS, R. G. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Variação axial da madeira de Handroanthus vellosoi (Toledo) Mattos. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

54.
ANDRADE, L. S. N. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. ; PONTINHA, A. A. S. ; FREIRE NETO, A. O. L. . Variação das dimensões dos canais secretores em faces resinadas e não resinadas de árvores de Pinus elliotti var. elliotti. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

55.
CAMARGO, M.G. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Variação radial na largura dos anéis de crescimento de Poincianella pluviosa (DC.) L.P.Queiroz com 48 anos de idade. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

56.
JUSTO, R.A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; MORAES, M. L. T. ; BALLARIN, A. W. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Qualidade da madeira de Peltophorum dubium em dois sistemas de plantio. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

57.
FURLAN, B. R. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; RUY, A. C. . Modelo matemático para a determinação de crescimento e proporção de madeira adulta, em Liquidambar styraciflua L.. In: 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013, São Paulo. 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2013.

58.
GALAO, A. T. D. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; MELO, A. C. G. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Variação axial das caracteristicas anatomicas de fibras e vasos na madeira de Inga laurina (Sw.) Willd. In: III SIMATEF, 2013, Sorocaba. XX Congresso de Iniciação Científica da UFSCar - III SIMATEF, 2013.

59.
GALAO, A. T. D. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; MELO, A. C. G. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO AXIAL DO AGRUPAMENTO DE VASOS E DIMENSÕES DE FIBRAS DE Inga laurina (Sw.) Willd Fabaceae. In: XXI CIC (Congresso de Iniciação Científica), 2013, São Carlos. XXI CIC (Congresso de Iniciação Científica), 2013.

60.
JUSTO, R.A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; MORAES, M. L. T. ; BALLARIN, A. W. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO RADIAL DE ALGUMAS PROPRIEDADES DA MADEIRA DE PELTOPHORUM DUBIUM (SPRENG.) EM DOIS SISTEMAS DE PLANTIO. In: XXI CIC (Congresso de Iniciação Científica), 2013, São Carlos. XXI CIC (Congresso de Iniciação Científica).

61.
SANTOS, C.M. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; FREITAS, M. L. M. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . DENDROECOLOGIA DE Cariniana legalis (MART.) KUNTZE E Handroanthus vellosoi (TOLEDO) MATTOS PLANTADAS EM ÁREA DE CERRADO. In: 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012, São Paulo. 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012.

62.
OLIVEIRA, I.R. ; LONGUI, E. L. ; GRAEBNER, R.C. ; ROMEIRO, D. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . TRADEOFF ENTRE CONDUTIVIDADE HIDRÁULICA ESTIMADA E RESISTÊNCIA MECÂNICA E VARIAÇÃO AXIAL DA MADEIRA DE Handroanthus vellosoi. In: 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012, São Paulo. 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012.

63.
PIRES, G. T. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; MARCATI, C.R. ; ROMEIRO, D. ; PASSO, E. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . A PROCEDÊNCIA DAS SEMENTES INFLUENCIA NA FORMAÇÃO DA MADEIRA DE Myracrodruon urundeuva?. In: 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012, São Paulo. 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012.

64.
OLIVEIRA, C. ; MEDEIROS, I.F. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . CONDUTIVIDADE HIDRÁULICA ESTIMADA NO SENTIDO AXIAL NA MADEIRA DE Croton piptocalyx MÜLL. ARG. EUPHORBIACEAE. In: 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012, São Paulo. 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012.

65.
SANTOS, M.Z.O. ; LONGUI, E. L. ; SANTOS, C.M. ; ROMEIRO, D. ; ARZOLLA, F. A. R. P. ; VILELA, F.E.S.P. ; DÉSCIO, F. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO AXIAL DO COMPRIMENTO DOS ELEMENTOS DE VASO E CARACTERÍSTICAS DAS FIBRAS DO LENHO DE Sessea brasiliensis TOLEDO. In: 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012, São Paulo. 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012.

66.
CAMARGO, M.G. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO RADIAL DAS CARACTERÍSTICAS DAS FIBRAS NA MADEIRA DE Caesalpinia pluviosa var. peltophoroides (Benth.) G.P.Lewis. In: 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012, São Paulo. 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012.

67.
CIPRIANI, G. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E ANATÔMICAS DA MADEIRA DE Eucalyptus resinifera Sm. In: 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012, São Paulo. 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2012.

68.
BENATTI, D.P. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; LIMA, I. L. ; MORAES, M. L. T. . DIÂMETRO E FREQUÊNCIA DOS VASOS DE Anadenanthera macrocarpa (Benth.) Brenan AO LONGO DOS ANÉIS DE CRESCIMENTO. In: II Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal, 2012, Sorocaba. II Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal, 2012.

69.
JUSTO,R.A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO AXIAL DAS CARACTERÍSTICAS ANATÔMICAS DAS FIBRAS NA MADEIRA DE Caesalpinia pluviosa var. peltophoroides (Benth.) G.P.Lewis. In: II Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal, 2012, Sorocaba. II Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal, 2012.

70.
CAMARGO, M.G. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. . RELAÇÕES ENTRE DIÂMETRO E FREQUÊNCIA DE VASOS NA MADEIRA DE Caesalpinia pluviosa var. peltophoroides (Benth.) G.P.Lewis NO SENTIDO MEDULA CASCA. In: II Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal, 2012, Sorocaba. II Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal, 2012.

71.
SANTOS, C.M. ; ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; FREITAS, M. L. M. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Dendroecology of Cariniana legalis (Mart.) Kuntze and Handroanthus vellosoi (Toledo) Mattos planted in Cerrado area.. In: IAWA PAN-AMERICAN MEETING, 2012, Recife. IAWA PAN-AMERICAN MEETING, 2012.

72.
SONSIN, J. O. ; RIBEIRO, A. P. ; ANDRADE, I.M. ; SOARES, R. K. ; GOUVEIA, T.C. ; MARQUES, V. N. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . Forestry Research Institute Wood Collection (SPSFw) - wood macroscopic digital photographs and anatomical descriptions serving as a database to aid the Environmental and Federal Police in environmental inspection operations and certification of lumberyards in São Paulo State. In: IAWA PAN-AMERICAN MEETING, 2012, Recife. IAWA PAN-AMERICAN MEETING, 2012.

73.
CAUM, C. ; PROSDOCINI, R. M. ; MARCATI, C.R. ; LONGUI, E. L. . Comparative wood anatomy od Cordia Trichotoma (Vell.) Arrab. Ex Steud. (Boraginaceae) from different provenances. In: IAWA PAN-AMERICAN MEETING, 2012, Recife. IAWA PAN-AMERICAN MEETING, 2012.

74.
COSTA, N.O. ; LONGUI, E. L. ; AGUIAR, O. T. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . CARACTERIZAÇÃO DO LENHO DE Eugenia neoverrucosa SOBRAL (MYRTACEAE) OCORRENTE NO PARQUE ESTADUAL DE CARLOS BOTELHO. In: 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011, São Paulo. 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

75.
NASCIMENTO, C.B. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . ANATOMIA DA RAIZ, CAULE E RAMO EM ÁRVORES JOVENS DE Anadenanthera falcata (BENTH.) SPEG.. In: 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011. 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

76.
PARO, C. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FREITAS, M. L. M. ; FLORSHEIM, S. M. B. . CARACTERÍSTICAS DAS FIBRAS NÃO APRESENTAM CORRELAÇÃO COM A DENSIDADE APARENTE E RESISTÊNCIA AO CISALHAMENTO NA MADEIRA DE Astronium graveolens. In: 5 º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011. 5 º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

77.
ROMEIRO, D. ; SANTINI JUNIOR, L. ; PARO, C. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . ANÁLISES DOS EXTRATOS ETÍLICOS E AQUOSOS CONTRIBUEM NA SEPARAÇÃO DE MADEIRAS COMERCIALIZADAS COMO ?CAIXETA AMARELA? NO ESTADO DE SÃO PAULO. In: 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011. 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

78.
SILVA, R.A.B.G. ; ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . VARIAÇÃO RADIAL E INTERESPECÍFICA DO LENHO DE Luehea divaricata E Luehea candicans. In: 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011. 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

79.
ALVES, L.A. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . TRÊS ESPÉCIES ARBÓREAS DE CERRADÃO APRESENTAM PADRÕES DISTINTOS QUANTO À CONDUTIVIDADE DE ÁGUA NO SENTIDO RAIZ-RAMO. In: 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011. 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

80.
ANDRADE, I.M. ; LONGUI, E. L. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . DIFERENÇAS NO PADRÃO AXIAL DAS FIBRAS E ELEMENTOS DE VASO NO LENHO DE Stryphnodendron adstringens (MART.) COVILLE E Stryphnodendron rotundifolium MART.. In: 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011. 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

81.
COSTA, N.O. ; LONGUI, E. L. ; CIELO FILHO, R. ; LIMA, I. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÕES ANATÔMICAS DO LENHO E DA FOLHA EM INDIVÍDUOS DE ALTURA NORMAL E ANÕES DE Copaifera langsdorffii DESF.. In: 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011. 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

82.
CERATO, C. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . VARIAÇÃO DE PROCEDÊNCIA NA DENSIDADE BÁSICA E DIMENSÕES DE ELEMENTOS CELULARES DA MADEIRA DE Peltophorum dubium. In: 5° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011, São Paulo. 5° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

83.
SANTOS, C.M. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . DENSIDADE BÁSICA E CARACTERÍSTICAS ANATÔMICAS DA MADEIRA DE Astronium graveolens. In: 5° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011, São Paulo. 5° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal, 2011.

84.
HENGLES, E.P. ; MORINI, M.S.C. ; LONGUI, E. L. . DIVERSIDADE DE MYRMELACHISTA ROGER, 1863 (HYMENOPTERA: FORMICIDADE: FORMICINAE) EM UMA ÁREA DE FLORESTA OMBRÓFILA DENSA. In: XIII CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO PIBIC/UMC, 2010, Mogi das Cruzes. XIII CONGRESSO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO PIBIC/UMC, 2010. v. 1. p. 37-37.

85.
Testoni, L. N. ; LONGUI, E. L. ; AGUIAR, O. T. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. . Variação no lenho de Croton floribundus Spreng. (Euphorbiaceae) em diferentes tipos de vegetação do estado de São Paulo. In: XVII Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo, 2008, Guarulhos. XVII Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo, 2008.

86.
Segala Alves ; LONGUI, E. L. ; Luchi . Anatomia comparada do lenho da raiz e do caule de Caesalpinia echinata Lam. (Pau-brasil). In: Décima Reunião Anual do Instituto de Botânica, 2003, São Paulo. Livro de Resumos da Décima Reunião Anual do Instituto de Botânica, 2002.

87.
LONGUI, E. L.; Segala Alves . Pau ? brasil e outras espécies nativas empregadas na fabricação de arcos para instrumento de corda: um estudo comparativo. In: Primeiro Encontro de Pós-Graduandos do Instituto de Botânica, 2003, São Paulo. Resumos da Décima Reunião Anual do Instituto de Botânica, 2003.

88.
LONGUI, E. L.; Segala Alves . Pau ? brasil e outras espécies nativas empregadas na fabricação de arcos para instrumento de corda: um estudo comparativo. In: Simpósio ?Pau ? brasil: Ciência e Arte, 2003, São Paulo. Simpósio ?Pau ? brasil: Ciência e Arte, 2003.

89.
Domingos ; Segala Alves ; Bulbovas ; Cunha ; LONGUI, E. L. ; Lourençon ; Moraes ; Rinaldi ; Mazzoni-Viveiros . Reactions Of Caesalpinia echinata Lam., A Brazilian Tree Species, To Urban Air Pollution Stress.. In: Simpósio "Pau-Brasil: Ciência E Arte", 2003, São Paulo. Simpósio "Pau-Brasil: Ciência E Arte", 2003.

90.
LONGUI, E. L.; Segala Alves . Estudo comparativo da estrutura foliar de Eugenia uniflora L. (Myrtaceae) crescendo em ambientes diferentes quanto à poluição aérea. In: V Encontro de Iniciação Cientifíca, 2001, São Paulo. V Encontro de Iniciação Cientifíca, 2001.

91.
LONGUI, E. L.; Segala Alves . Estudo comparativo da estrutura foliar de Eugenia Uniflora L. (Myrtaceae) crescendo em ambientes diferentes quanto à poluição aérea. In: Oitava Reunião Anual do Instituto de Botânica, 2001, São Paulo. Livro de Programa e Resumos da Oitava Reunião Anual do Instituto de Botânica, 2001.

Artigos aceitos para publicação
1.
ZANATTO, B. ; FERREIRA, P. S. ; FREITAS, M. L. M. ; LONGUI, E.L. . Mean annual increment, wood density and vessel diameter of 42-year-old Balfourodendron riedellianum and Peltophorum dubium in a heterogeneous planting. REVISTA DO INSTITUTO FLORESTAL, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; MORENO, N. B. ; HERREIRA, L. A. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . Características anatômicas quantitativas da raiz, caule e ramo em árvores jovens de Xilopia aromatica (Lam.) Mart.. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
ROMEIRO, D. ; LONGUI, E. L. ; AGUIAR, O. T. ; MELO, A. C. G. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. . Variação nos elementos de vaso e índices ecológicos no lenho de Luehea divaricata e Luehea grandiflora em diferentes tipos de vegetação. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
MASTELIN, S. M. ; Lima, I. L. ; Zanon, B. R. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Densidade básica e dimensões celulares da madeira de Balfourodendron riedelianum em função da procedência e variação radial. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
GARCIA, R ; LONGUI, E. L. ; BIBINI, G. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; Garcia, J. N. . Correlações entre características das fibras, densidade aparente , velocidade de propagação do som e resistência ao cisalhamento na madeira de Caesalpinia echinata (pau-brasil). 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
OVANDO, P. C. ; LONGUI, E. L. ; ROMEIRO, D. ; SANTINI JUNIOR, L. ; AGUIAR, O. T. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. . Anatomia do lenho de Myrcia albotomentosa e Myrcia multiflora (Myrtaceae). 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
SANTINI JUNIOR, L. ; Lima, I. L. ; BUFOLO, A. ; MOURA, A. E. ; BIBINI, G. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Densidade básica e dimensões celulares em diferentes espécies de Eucalyptus L'herit., plantadas em Itatinga/SP. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

7.
ANDRADE, I.M. ; LONGUI, E. L. ; SANTINI JUNIOR, L. ; SOBRAL, E. S. ; AGUIAR, O. T. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. . Anatomia comparada do lenho de quatro espécies de Gomidesia (Myrtaceae) do Parque Estadual Carlos Botelho - SP. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

8.
HENGLES, E.P. ; MORINI, M.S.C. ; LONGUI, E. L. . DIVERSIDADE DE MYRMELACHISTA ROGER, 1863 (HYMENOPTERA: FORMICIDADE: FORMICINAE) EM UMA ÁREA DE FLORESTA OMBRÓFILA DENS. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
SUCKOW, I.M.S. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; AGUIAR, O. T. . Anatomia da madeira e densidade básica de angico-branco Anadenthera colubrina (vell.) Brenan.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
ANDRADE, I.M. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. . Efeito da procedência na variação radial do comprimento de fibras e densidade básica da madeira de Gallesia integrifolia. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
GOUVEIA, T.C. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . Anatomia comparada da raiz, caule e ramo de Copaifera langsdorffii Desf.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
Testoni, L. N. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. ; MELO, A. C. G. . Variação anatômica na madeira de Plathymenia reticula e sua influência na densidade aparente e velocidade de propagação do som. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
BUFOLO, A. ; BIBINI, G. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Variabilidade em densidade básica e dimensões da fibra de espécies de Eucalyptus, em Itatinga SP. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

14.
GARCIA, R ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Influência do espaçamento e da posição radial na variação de elementos anatômicos de Tectona grandis Linn.. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

15.
Zanon, B. R. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Variação de algumas propriedades físicas e anatomicas da madeira de Liquidambar styraciflua I. (Sweet Gum) em função da posiçao radial na tora em diferentes classes de diâmetro. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

16.
GARCIA, M.F. ; Florsheim, S. M. B. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. . Variação radial da densidade básica e comprimento de fibras de diferentes procedências de Carianiana legalis. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

17.
SANTINI JUNIOR, L. ; Lima, I. L. ; LONGUI, E. L. ; Florsheim, S. M. B. . Efeito da fertilização na variação da densidade básica e dimensões celulaares das fibras em função dan posição radial na árvore de Eucalyptus grandis. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

18.
EDENISE, ; LONGUI, E. L. . Pau-brasil e outras espécies nativas empregadas na fabricação de arcos para instrumentos de corda: um estudo comparativo. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

19.
EDENISE, ; LONGUI, E. L. ; Luchi . Anatomia comparada do lenho da raiz e do caule de Caesalpinia echinata Lam. (pau-brasil).. 2003. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Outras produções bibliográficas
1.
LONGUI, E. L.. Madeiras alternativas para confecção de arcos de instrumentos musicais. São Paulo: Instituto Florestal, 2012 (Publicação no Informativo do Instituto Florestal - IF notícias ano 3, nº 11).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
LONGUI, E.L.. Assessoria para Institute for Technology and Resources Management in the Tropics and Subtropics. 2017.

2.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para Madera y Bosques. 2017.

3.
LONGUI, E. L.. Assessoria para Institute for Technology and Resources Management in the Tropics and Subtropics. 2017.

4.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o IAWA Journal. 2016.

5.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a BioResources. 2016.

6.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2016.

7.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o IAWA Journal. 2016.

8.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - FAPESP. 2016.

9.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2016.

10.
LONGUI, E. L.. Revisão de manuscrito para Anais da Academia Brasileira de Ciências. 2016.

11.
LONGUI, E. L.. Assessoria ad hoc PIBIC/CNPq - PIBIC/FURB. 2016.

12.
LONGUI, E. L.. Assessoria ad hoc PIBIC/CNPq - PIBIC/FURB. 2016.

13.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o International Journal of Plant & Soil Science. 2016.

14.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - FAPESP. 2016.

15.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - FAPESP. 2016.

16.
LONGUI, E. L.. Assessoria ad hoc avaliação de projeto FURB. 2016.

17.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para International Journal of Biodiversity. 2016.

18.
LONGUI, E.L.. Assessoria Ad Hoc - FAPESP. 2016.

19.
LONGUI, E.L.. revisão de manuscrito para Journal of Forestry Research. 2016.

20.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o IAWA Journal. 2016.

21.
LONGUI, E.L.. revisão de manuscrito para a Revista Árvore. 2016.

22.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2015.

23.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a BioResources. 2015.

24.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2015.

25.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - FAPESP. 2015.

26.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2015.

27.
LONGUI, E. L.. Assessoria ad hoc PIBIC/CNPq - PIBIC/FURB. 2015.

28.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (FAPES). 2015.

29.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2015.

30.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Hoehnea. 2015.

31.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o IAWA Journal. 2015.

32.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a BioResources. 2015.

33.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Acta Amazonica. 2015.

34.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2015.

35.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a BioResources. 2015.

36.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - FAPESP. 2015.

37.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2015.

38.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2015.

39.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2015.

40.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2015.

41.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2015.

42.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista do Instituto Florestal. 2015.

43.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista do Instituto Florestal. 2015.

44.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista do Instituto Florestal. 2015.

45.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2014.

46.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o Journal of Forestry Research. 2014.

47.
LONGUI, E. L.. assessoria para a COTEC - Comissão Técnico-Científica do Instituto Florestal. 2014.

48.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2014.

49.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2014.

50.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2014.

51.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2014.

52.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Árvore. 2014.

53.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Scientia Forestalis. 2014.

54.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Árvore. 2014.

55.
LONGUI, E. L.. Programa de Bolsas de Iniciação Científica do Instituto de Botânica (PIBIC-IBt). 2013.

56.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2013.

57.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2013.

58.
LONGUI, E. L.. Assessoria Ad Hoc - CNPq. 2013.

59.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Árvore. 2013.

60.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Árvore. 2013.

61.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Cerne. 2013.

62.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Acta Amazonica. 2013.

63.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o Boletín de la Sociedad Argentina de Botánica. 2013.

64.
LONGUI, E. L.. Assessoria para a Comissão Técnico Científica do Instituto Florestal - COTEC. 2012.

65.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para a Revista Árvore. 2012.

66.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o periódico Plos One. 2012.

67.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o IAWA Journal. 2012.

68.
LONGUI, E. L.. revisão de manuscrito para o Lignocellulose Journal. 2012.

69.
LONGUI, E. L.. Assessoria para a COTEC ? Comissão Técnico Científica do Instituto Florestal. 2011.

70.
LONGUI, E. L.. Assessoria para a COTEC ? Comissão Técnico Científica do Instituto Florestal. 2011.

71.
LONGUI, E. L.. Assessoria científica para a Revista Árvore. 2009.

72.
LONGUI, E. L.. Assessoria para a Revista do Instituto Florestal. 2009.

73.
LONGUI, E. L.. Assessoria Científica para a Revista do Instituto Florestal. 2009.

74.
LONGUI, E. L.. Assessoria científica para a IF Série Registros. 2009.

75.
LONGUI, E. L.. Assessoria para a COTEC ? Comissão Técnico Científica do Instituto Florestal. 2008.

76.
LONGUI, E. L.. Assessoria para a COTEC ? Comissão Técnico Científica do Instituto Florestal. 2008.

77.
LONGUI, E. L.. Assessoria para a COTEC ? Comissão Técnico Científica do Instituto Florestal. 2008.

Trabalhos técnicos
1.
FRANCO, G. A. D. C. ; LONGUI, E. L. . Laudo de avaliação fitossanitária. 2011.

2.
SANTINI JUNIOR, L. ; LONGUI, E. L. . Identificação macroscópica de fragmentos da madeira de Dalbergia sp.. 2011.

3.
LONGUI, E. L.; SANTINI JUNIOR, L. ; BIBINI, G. . Identificação de móveis de madeira. 2011.

4.
AGUIAR, O. T. ; FRANCO, G. A. D. C. ; LONGUI, E. L. . Laudo técnico para poda e corte de árvores no Presídio da Policia Militar - Romão Gomes. 2011.

5.
LONGUI, E. L.. Identificação macroscópica da madeira de Caesalpinia peltophoroides. 2011.

6.
SOUZA, S. C. P. M. ; LONGUI, E. L. . Avaliação da integridade de árvores no Parque Estadual Alberto Löefgren.. 2010.

7.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. ; MAZZEI, K. . Comissão responsável pela promoção por merecimento para integrantes da classe de Assistente Técnico de Pesquisa Científica e Tecnológica. 2010.

8.
FRANCO, G. A. D. C. ; LONGUI, E. L. . Laudo técnico de avaliação fitossanitária. 2010.

9.
LONGUI, E. L.. Identificação de amostras de madeira: Laudo Técnico para Polícia Ambiental. 2009.

10.
LONGUI, E. L.. Laudo de identificação de madeiras para a Polícia Ambiental. 2009.

11.
LONGUI, E. L.. Laudo técnico sobre identificação de madeiras. 2009.

12.
LONGUI, E. L.; Florsheim, S. M. B. . Verificação da utilidade de material lenhoso depositado em diversas áreas no Parque Estadual Alberto Löefgren. 2009.

13.
LONGUI, E. L.. Identificação de parte do lenho como subsidio para fiscalização ambiental.. 2008.


Demais tipos de produção técnica
1.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Identificação macroscópica de madeira. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
LONGUI, E.L.. Identificação macroscópica de madeira. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
LONGUI, E.L.. Madeiras para Instrumentos musicais. 2018. (Palestra).

4.
LONGUI, E. L.; MARCATI, C.R. ; BALLARIN, A. W. . Relações da anatomia com algumas propriedades físicas e mecânicas com base para determinar a qualidade da madeira (Programa de pós graduação em Ciência Florestal).. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E.L. ; MARÇON, S. L. ; FERREIRA, W. M. . 1º Curso de anatomia e identificação macroscópica de madeiras. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

6.
LONGUI, E. L.. Identificação Macroscópica de Madeiras. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
LONGUI, E.L.; MARCATI, C.R. ; BALLARIN, A. W. . Relações da anatomia com algumas propriedades físicas e mecânicas com base para determinar a qualidade da madeira (Programa de pós graduação em Ciência Florestal).. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

8.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. ; FARIA, E. . Identificação Macroscópica de Madeira. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

9.
LONGUI, E. L.. Relações da anatomia com algumas propriedades físicas e mecânicas com base para determinar a qualidade da madeira (Programa de pós graduação em planejamento e uso de recursos renováveis).. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

10.
LONGUI, E. L.. Tendências evolutivas e relações hidráulicas/mecânicas do lenho. 2015. (Palestra).

11.
LONGUI, E. L.; MARCATI, C.R. ; BALLARIN, A. W. . Relações da anatomia com algumas propriedades físicas e mecânicas com base para determinar a qualidade da madeira (Programa de pós graduação em Ciência Florestal).. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

12.
LONGUI, E. L.. Relações da anatomia com algumas propriedades físicas e mecânicas com base para determinar a qualidade da madeira (Programa de pós graduação em planejamento e uso de recursos renováveis)).. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

13.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. ; SONSIN, J. O. ; ANDRADE, I.M. ; GOUVEIA, T.C. ; MARQUES, V. N. . Anatomia e identificação macroscópica de madeiras. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

14.
LONGUI, E. L.. Identificação de madeiras. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

15.
LONGUI, E. L.. Identificação macroscópica de madeiras. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

16.
LONGUI, E. L.; MARCATI, C.R. ; BALLARIN, A. W. . Relações da anatomia com algumas propriedades físicas e mecânicas com base para determinar a qualidade da madeira (Programa de pós graduação em Ciência Florestal).. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

17.
LONGUI, E. L.; ARZOLLA, F. A. R. D. P. ; SOUZA, F. M. ; ROBIM, M. J. ; ESTON, M. R. ; SILVA, A. ; SANTOS, S. R. G. ; SOUZA, S. C. P. M. ; GALLO JUNIOR, H. . PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ? PIBIC RELATÓRIO INSTITUCIONAL - 2012/2013. 2013. (Relatório de pesquisa).

18.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . II Curso de Identificação Macroscópica de Madeiras. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

19.
ALVES, E. S. ; HAYASHI, A. H. ; LONGUI, E. L. . ESTRUTURA DOS ÓRGÃOS VEGETATIVOS E IMPORTÂNCIA NA ADAPTAÇÃO AO AMBIENTE. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

20.
LONGUI, E. L.; ARZOLLA, F. A. R. D. P. ; SOUZA, F. M. ; GALLO JUNIOR, H. ; ROBIM, M. J. ; ESTON, M. R. ; SILVA, A. ; SANTOS, S. R. G. ; SOUZA, S. C. P. M. . PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA ? PIBIC RELATÓRIO INSTITUCIONAL - 2011/2012. 2012. (Relatório de pesquisa).

21.
LONGUI, E. L.. Potencial de madeiras nativas na fabricação de arcos para instrumentos de corda. 2012. (Palestra).

22.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Identificação Macroscópica de Madeiras. 2011. .

23.
LONGUI, E. L.. correlações entre anatomia e propriedades de madeira em plantio de árvores nativas. 2011. (Palestra).

24.
LONGUI, E. L.. Anatomia ecológica da madeira de algumas espécies nativas de ocorrência natural e plantadas. 2011. (Palestra).

25.
LONGUI, E. L.. Influência do ambiente na anatomia da madeira. 2011. (Palestra).

26.
LONGUI, E. L.. Estrutura anatômica da madeira e sua influência em algumas propriedades físicas e mecânicas. 2011. (Palestra).

27.
LONGUI, E. L.. Potencial de madeiras nativas na fabricação de arcos para instrumentos de corda. 2011. (Palestra).

28.
LONGUI, E. L.. Como é o trabalho de um Pesquisador Científico do Instituto Florestal. 2011. (Palestra).

29.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Anatomia e Identificação Macroscópica de Madeiras "on line". 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

30.
FLORSHEIM, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Anatomia e Identificação de Madeira. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

31.
LONGUI, E. L.. PIBIC, de bolsista a orientador. 2010. (Palestra).

32.
RANZINI, M. ; Lima, I. L. ; IVANAUSKAS, N. M. ; ANTUNES, A. Z. ; ROBIM, M. J. ; ESTON, M. R. ; LONGUI, E. L. ; GALLO JUNIOR, H. ; ARZOLLA, F. A. R. P. . Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica ? PIBIC - CNPQ IF. 2010. (Comitê).

33.
RANZINI, M. ; ANTUNES, A. Z. ; ARZOLLA, F. A. R. P. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; IVANAUSKAS, N. M. ; GALLO JUNIOR, H. ; ROBIM, M. J. ; ESTON, M. R. . 4º Seminário de Iniciação Científica ? PIBIC - CNPQ IF. 2010. (Grupo de trabalho).

34.
Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Curso de anatomia e identificação macroscópica de madeiras. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

35.
Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Curso de anatomia e identificação macroscópica de madeiras. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

36.
Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Curso de anatomia e identificação macroscópica de madeiras. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

37.
Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Curso de anatomia e identificação macroscópica de madeiras. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

38.
Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Identificação de madeiras e técnicas de fiscalização. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

39.
Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Identificação de madeiras e técnicas de fiscalização. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

40.
Florsheim, S. M. B. ; LONGUI, E. L. . Anatomia e identificação macroscópica de madeiras. 2009. (Palestra).

41.
LONGUI, E. L.. Potencial de madeiras nativas na fabricação de arcos para instrumentos de corda. 2009. (Palestra).

42.
LONGUI, E. L.; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. . 3º Colóquio sobre Engenharia Florestal. 2009. (Comissão organizadora).

43.
BAITELLO, J. B. ; CIELO FILHO, R. ; SOUZA, S. C. P. M. ; AGUIAR, O. T. ; LONGUI, E. L. ; Lima, I. L. ; Florsheim, S. M. B. . chamada FAPESP 16/2009 (Apoio a infra-estrutura de pesquisa ? Centros depositários de informações, documentos e/ou coleções biológicas. 2009. (Comissão).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
LONGUI, E. L.. Guanandi a Madeira de lei. 2011.

2.
LONGUI, E. L.. Madeira Sustentável ? Uma Semente para o Futuro. 2010.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
LONGUI, E.L.; ALVES, E. S.; VARELA, L. D.. Participação em banca de Amanda Aparecida Vianna Assad. Effect of seed provenances on annual increment, physicomechanical properties and anatomical features of 30-year-old Balfourodendron riedelianum wood. 2017. Dissertação (Mestrado em Planejamento e Uso de Recursos Renováveis) - Universidade Federal de São Carlos.

2.
LONGUI, E. L.; BALLARIN, A. W.; ALVES, E. S.. Participação em banca de Ana Tereza Durão Galão. Incremento médio anual, anatomia e propriedades físicas e mecânicas da madeira de Peltophorum dubium (Spreng.) Taub. com sementes de duas procedências. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós graduação em Ciência Florestal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

3.
RODRIGUES, T. M.; LONGUI, E. L.; KISSMANN, C.. Participação em banca de Maëla Peron Gomide. Anatomia de raízes de Eucalyptus grandis Hill ex Maiden em diferentes profundidades do solo sob um contexto de redução de chuvas. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Botânica)) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

4.
ALVES, E. S.; LONGUI, E. L.; TOMAZELLO FILHO, M.. Participação em banca de Camila Moura Santos. Alometria de Schizolobium parahyba (Vell.) Blake no Parque Estadual Alberto Löfgren, São Paulo-SP. 2015. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente) - Instituto de Botânica.

5.
CECCANTINI, G.C.T.; ANGYALOSSY, V; LONGUI, E. L.. Participação em banca de Raphael Jaquier Bossler Pigozzo. Espectroscopia de infravermelho-próximo em madeiras neotropicais: aplicação na identificação e predição de propriedades físicas. 2011. Dissertação (Mestrado em Ciências, Área de Botânica) - Universidade de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
TOMMASIELLO FILHO, M.; LEAO, M. M.; LONGUI, E.L.; FLORSHEIM, S. M. B.; MATTIUZ, C. F. M.. Participação em banca de Luiz Santini Junior. Estudo dendrológico e anatômico do lenho de árvores do Parque da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz". 2018. Tese (Doutorado em Ecologia Aplicada) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - ESALQ-USP.

2.
LONGUI, E. L.; CENTENO, D. C.; PEREIRA, L.; KISSMANN, C.; ONO, E. O.. Participação em banca de Olívia Pereira Lopes. Arquitetura hidráulica e densidade da madeira de árvores de Balfourodendron riedelianum, Cariniana legalis e Handroanthus vellosoi com 40 anos de idade. 2017. Tese (Doutorado em Ciência Florestal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

3.
ROIG, F. A.; LONGUI, E. L.; CHIMELO, J. P.; TOMAZELLO FILHO, M.; FLORSHEIM, S. M. B.. Participação em banca de Tássio Ticiano Trevisor. Anatomia ecológica do lenho de espécies arbustivas e arbóreas que ocorrem naturalmente em bosques com drástico gradiente de precipitação ao noroeste da Patagônia, Argentina. 2016. Tese (Doutorado em Recursos Florestais) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - ESALQ-USP.

Qualificações de Doutorado
1.
LONGUI, E. L.; GUERRINI, I. A.; KISSMANN, C.. Participação em banca de Olívia Pereira Lopes. Condutividade hidráulica em três espécies arbóreas. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós graduação em Ciência Florestal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Qualificações de Mestrado
1.
LONGUI, E.L.; PADUA, F. A.; FREITAS, M. L. M.. Participação em banca de João Roberto Menucelli. Densidade. poder calorífico, análise química e características das fibras das madeiras de Hevea brasiliensis, Eucalyptus peliia e Eucalyptus tereticornis. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Planejamento e Uso dos Recursos Renováveis) - Universidade Federal de São Carlos.

2.
LONGUI, E. L.; MARCATI, C.R.; BALLARIN, A. W.. Participação em banca de Ana Tereza Durão Galão. Caracterização da qualidade da madeira de Peltophorum dubium (Spreng.) Taub. com sementes de duas procedências. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós graduação em Ciência Florestal) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

3.
LONGUI, E. L.; PADUA, F. A.; FREITAS, M. L. M.. Participação em banca de Amanda Aparecida Vianna Assad. Qualidade da madeira de Balfourodendron riedelianum (Engler) Engler (Rutaceae) em plantio homogêneo aos 30 anos de idade. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Pós Graduação em Planejamento e uso de recursos renováveis) - Universidade Federal de São Carlos.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
LONGUI, E. L.; PADUA, F. A.; OLIVEIRA, I.R.. Participação em banca de Matheus Guedes Camargo.Caracterização anatômica de Poincianella pluviosa (DC.) L.P. Queiroz no sentido medula-casca. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba.

2.
LIMA, I. L.; LONGUI, E. L.; AGUIAR, O. T.. Participação em banca de Izabella Vicentin Moreira.Variabilidade genética das propriedades físicas e anatômicas da madeira em clones de Hevea brasiliensis (Willd. ex Adr.). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Ambientais) - Universidade Federal de São Paulo.

3.
LONGUI, E. L.; MIZUNO, E. R.; LEITAO, A. M.. Participação em banca de Edval Faria.Arquitetura hidráulica do lenho de Micropholis crassipedicellata (Mart. & Eichler) Pierre ? Sapotaceae, ao longo do gradiente altitudinal do Parque Estadual da Serra do Mar ? Núcleos Cunha e Picinguaba. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho.

4.
LONGUI, E. L.; FERREIRA., M. L.; ALARCON, C. M.. Participação em banca de Camila Moura Santos.Dendrocronologia de Platycladus orientalis (L.) Franco proveniente do Parque Estadual Alberto Löfgren. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho.

5.
LONGUI, E. L.; LIMA, I. L.; OLIVEIRA, W. E.. Participação em banca de Cássia Christine Schmidt Gondo.Densidade aparente, cisalhamento paralelo à grã e características anatômicas no sentido axial na madeira de Astronium graveolens. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva.

6.
LONGUI, E. L.; FRANCOS, M. S.; FERREIRA, A. P. N. L.. Participação em banca de Michelle Zoghaib De Oliveira Santos.Variação axial na madeira de Sessea brasiliensis: comparação entre árvores provenientes de sementes e de brotação da base após corte raso. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho.

7.
LONGUI, E. L.; SAMPAIO, D.; FÁVERO, O.. Participação em banca de Laura de Araujo Alves.Três espécies arbóreas de Cerradão apresentam padrões distintos quanto à condutividade de água no sentido raiz-ramo. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Presbiteriana Mackenzie.

8.
LONGUI, E. L.; PILIACKAS, J.M.; MAURO, C.. Participação em banca de Tatiana Cestini Gouveia.Variação axial qualitativa e quantitativa do lenho da raiz, caule e ramo de Copaifera langsdorffii Desf.. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biologia) - Faculdade de Ciências da Saúde.

9.
LONGUI, E. L.; MELLO, F. T.; SEBASTIANI, R.. Participação em banca de Luiz Santini Júnior.Análise anatômica qualitativa e quantitativa e densidade básica da madeira de Alchornea sidifolia Muell. Arg. (Euphorbiaceae). 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
NAKAMURA, A. T.; PAULA, M. O.; LONGUI, E. L.. Concurso para preenchimento de vaga de Professor da Carreira do Magistério Superior da Universidade Federal de Uberlândia. Instituto de Ciências Agrárias para a área de Recursos Florestais e Engenharia Florestal subárea Ciências da Madeira.. 2016. Universidade Federal de Uberlândia.

2.
FLORSHEIM, S. M. B.; LONGUI, E. L.; MAZZEI, K.; ARAÚJO, C.O.. Comissão responsável pela promoção por merecimento para integrantes da classe de Assistente Técnico de Pesquisa Científica e Tecnológica. 2011.

3.
FLORSHEIM, S. M. B.; LONGUI, E. L.; MAZZEI, K.. Comissão responsável pela promoção por merecimento para integrantes da classe de Assistente Técnico de Pesquisa Científica e Tecnológica. 2010. Instituto Florestal do Estado de São Paulo.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
12º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2018. (Seminário).

2.
11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2017. (Seminário).

3.
10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2016. (Seminário).

4.
Congresso de Ciência e Tecnologia Florestal e Ambiental. Potential use of Libidibia ferrea and Poincianella pluviosa woods for bows of string instruments. 2016. (Congresso).

5.
XVII Jornada de Educação e XVII Simpósio de Iniciação Científica da Faculdade de Artes, Ciências, Letras e Educação de Presidente Prudente.Identificação Macroscópica de Madeiras. 2016. (Simpósio).

6.
9º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2015. (Seminário).

7.
Forest Legality Alliance 12 th Semi-annual Membership Meeting.Forest Legality Alliance - 12 th Semi-annual Membership Meeting (Real-time online wood identification). 2015. (Encontro).

8.
8º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2014. (Seminário).

9.
7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2013. (Seminário).

10.
III Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal. 2013. (Simpósio).

11.
2012 IAWA PAN-AMERICAN MEETING. Dendroecology of Cariniana legalis (Mart.) Kuntze and Handroanthus vellosoi (Toledo) Mattos planted in Cerrado area.. 2012. (Congresso).

12.
6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal.6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2012. (Seminário).

13.
5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2011. (Seminário).

14.
62º Congresso Nacional de Botânica. Palestra e Mesa redonda. 2011. (Congresso).

15.
XXV SEAB - Semana de Estudos Agropecuários e Florestais de Botucatu.Potencial de madeiras nativas na fabricação de arcos para instrumentos de corda. 2011. (Outra).

16.
4° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2010. (Seminário).

17.
3º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2009. (Seminário).

18.
2º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal.Variação da densidade básica e dimensões celulares de Croton floribundus Spreng. na Serra da Canrtareira, SP - Brasil. 2008. (Seminário).

19.
XVII Congresso da Sociedade Botânica de São Paulo. Variação no lenho de Croton floribundus Spreng. (Euphorbiaceae) em diferentes tipos de vegetação do estado de São Paulo. 2008. (Congresso).

20.
I SIMPÓSIO BRASILEIRO DE ANATOMIA DA MADEIRA - SIMBRAMAD. 2007. (Simpósio).

21.
55º Congresso Nacional de Botânica. Pau-brasil e outras espécies nativas empregadas na fabricação de arcos para instrumentos de corda: um estudo comparativo. 2004. (Congresso).

22.
Workshop - Lista oficial de espécies da flora ameaçadas de extinção do estado de São Paulo. 2004. (Outra).

23.
10ª RAIBt - Reunião anual do Instituto de botânica. 2003. (Encontro).

24.
1º Workshop de educação ambiental do Instituto de Botânica: integração das ações de educação ambiental no parque estadual das fontes do ipiranga - PEFI. 2003. (Outra).

25.
Pau-brasil: Ciência e arte. 2003. (Simpósio).

26.
9ª RAIBt - Reunião anual do Instituto de Botânica. 2002. (Encontro).

27.
Oitava Reunião anual do Instituto de Botânica.Estudo comparativo da estrutura foliar de Eugenia uniflora L. Myrtaceae crescendo em ambientes diferentes quanto à poluição aérea. 2001. (Encontro).

28.
Seminário temático sobre recuperação de áreas degradadas. 2001. (Seminário).

29.
V Encontro de iniciação científica. 2001. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BERTANI, D. F. ; IVANAUSKAS, N. M. ; ANTUNES, A. Z. ; MOURA, C. ; LONGUI, E. L. ; ARZOLLA, F. A. R. D. P. ; PAULA, G. C. R. ; LUTGENS, H. D. ; GALLO JUNIOR, H. ; LIMA, L. M. P. R. ; CAMPOLIM, M. B. ; ESTON, M. R. ; MUZIO, P. A. ; ESTEVES, R. . 11º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2017. (Outro).

2.
BERTANI, D. F. ; IVANAUSKAS, N. M. ; MOURA, C. ; LONGUI, E. L. ; ARZOLLA, F. A. R. P. ; PAULA, G. C. R. ; LUTGENS, H. D. ; GALLO JUNIOR, H. ; CAMPOLIM, M. B. ; ESTON, M. R. . 10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2016. (Outro).

3.
BERTANI, D. F. ; IVANAUSKAS, N. M. ; MOURA, C. ; LONGUI, E. L. ; ARZOLLA, F. A. R. P. ; PAULA, G. C. R. ; LUTGENS, H. D. ; GALLO JUNIOR, H. ; CAMPOLIM, M. B. ; ESTON, M. R. . 10º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2016. (Outro).

4.
LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; RANZINI, M. ; SILVA, A. ; FLORSHEIM, S. M. B. ; SANTOS, S. R. G. ; OLIVEIRA, W. E. ; PAVÃO, M. . 3º Encontro sobre tecnologia em silvicultura, FATEC / Capão Bonito / Instituto Florestal SMA/SP. 2015. (Outro).

5.
LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; FLORSHEIM, S. M. B. . 3º Encontro sobre engenharia industrial madeireira: UNESP/Itapeva - Instituto Florestal/SMA. 2015. (Outro).

6.
LONGUI, E. L.; SOUZA, F. M. ; SILVA, A. ; ARZOLLA, F. A. R. D. P. ; GALLO JUNIOR, H. ; ROBIM, M. J. ; ESTON, M. R. ; SANTOS, S. R. G. ; SOUZA, S. C. P. M. . 7º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2013. (Outro).

7.
LIMA, I. L. ; RANZINI, M. ; LONGUI, E. L. . III Simpósio de Meio Ambiente e Tecnologia Florestal. 2013. (Outro).

8.
LONGUI, E. L.; SILVA, A. ; SOUZA, F. M. ; SANTOS, S. R. G. ; SOUZA, S. C. P. M. ; FREITAS, M. L. M. ; GALLO JUNIOR, H. ; ROBIM, M. J. ; ARZOLLA, F. A. R. D. P. ; ESTON, M. R. . 6° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2012. (Outro).

9.
RANZINI, M. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; ANTUNES, A. Z. ; IVANAUSKAS, N. M. ; ESTON, M. R. ; ROBIM, M. J. ; GALLO JUNIOR, H. ; ARZOLLA, F. A. R. P. . 5º Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2011. (Outro).

10.
RANZINI, M. ; LIMA, I. L. ; LONGUI, E. L. ; IVANAUSKAS, N. M. ; ROBIM, M. J. ; GALLO JUNIOR, H. ; ESTON, M. R. ; ARZOLLA, F. A. R. P. ; ANTUNES, A. Z. . 4° Seminário de Iniciação Científica do Instituto Florestal. 2010. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Erick Phelipe Amorim. Herdabilidade para caracteres silviculturais, caracterização de algumas propriedades e potencial de uso da madeira de clones de Hevea brasiliensis (Willd. ex A. Juss.) Müll. Arg (Euphorbiaceae). Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Planejamento e Uso dos Recursos Renováveis) - Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
João Roberto Menucelli. Densidade, poder calorífico, análise química e características das fibras das madeiras de Eucalyptus tereticornis e Hevea brasiliensis. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Planejamento e Uso dos Recursos Renováveis) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Willyam de Lima Vieira. Propriedades físicas e mecânicas da madeira de Corymbia citriodora Hook em três tipos de solo. Início: 2015. Tese (Doutorado em Ciência Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP). (Orientador).

Iniciação científica
1.
Bianca de Melo Lima. Anatomia e algumas propriedades da madeira de Eucalyptus camaldulensis Dehnh. em três diferentes qualidades com base no valor genético calculado pelo diâmetro à altura do peito. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Vitor Hugo Barbedo. Proposta de um sistema automático para identificação de madeiras: cinco madeiras mais comercializadas. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Ciência e Tecnologia) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

3.
Guilherme Henrique Custódio. Herdabilidade para caracteres silviculturais, determinação da densidade e de algumas características anatômicas da madeira de clones de Hevea brasiliensis (Willd. ex A. Juss.) Müll. Arg (Euphorbiaceae). Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

4.
Caio Henrique Santos. Características anatômicas da madeira de Corymbia citriodora Hook em três tipos de solo. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Ambiental e Sanitária) - Centro Universitário Padre Anchieta, Centro de Integração Empresa Escola. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
Bruno Vinícius de Oliveira Pereira. Apoio Administrativo. Início: 2018. Orientação de outra natureza. Escola Estadual Albino Cesar. Centro de Integração Empresa Escola. (Orientador).

2.
Beatriz Cristina de Araújo. Características dendrométricas e da madeira de Eucalyptus pellita em função dos atributos químicos do solo. Início: 2018. Orientação de outra natureza. Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba. Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

3.
Letícia Gabriele Sacomano de Souza. Apoio administrativo. Início: 2017. Orientação de outra natureza. Escola Estadual Ilha da Juventude. Centro de Integração Empresa Escola. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Amanda Aparecida Vianna Assad. Effect of seed provenances on annual increment, physicomechanical properties and anatomical features of 30-year-old Balfourodendron riedelianum wood. 2015. Dissertação (Mestrado em Planejamento e Uso dos Recursos Renováveis) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, . Orientador: Eduardo Luiz Longui.

2.
Beleta Baby de Lima. O uso de caracteres anatômicos da madeira em progênies de Peltophorum dubium como preditivos da sua herdabilidade. 2015. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente) - Instituto de Botânica, . Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

3.
Carla Mayumi Oliveira. Relação entre formigas e insetos brocadores em galhos dispersos na serapilheira de Floresta Atlântica. 2015. Dissertação (Mestrado em Biotecnologia) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

4.
Nathalia Sena de Almeida. Densidade básica, retração volumétrica, teor de umidade, e poder calorífico de Corymbia citriodora Hook em três tipos de solo. 2015. Dissertação (Mestrado em Planejamento e Uso dos Recursos Renováveis) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, . Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

5.
Ana Tereza Durão Galão. Influência da origem das sementes na estrutura da madeira de Peltophorum dubium (Spreng.) Taub.. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciência Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

6.
Camila Moura Santos. Alometria de Schizolobium parahyba (Vell.) Blake no Parque Estadual Alberto Löfgren, São Paulo-SP. 2013. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente) - Instituto de Botânica, . Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

7.
Diego Romeiro. Estratégias adaptativas do lenho de espécies pioneiras e não pioneiras. 2011. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade Vegetal e Meio Ambiente) - Instituto de Botânica, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

8.
Caroline Caum. Estudo da anatomia da madeira de diferentes procendências de Cordia trichotoma (Vell.) Arrabida ex Steud. (Boraginaceae). 2011. Dissertação (Mestrado em Ciência Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), . Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

Tese de doutorado
1.
Jane Rodrigues da Silva. Comparação da anatomia do sistema vascular caulinar e da condutividade hidráulica entre três procedências de Balfourodendron riedelianum (Engl.) Engl.(Rutaceae) em plantio homogêneo. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciência Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), . Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

2.
Tae T. Fernandes. Fatores relacionados à ocupação de galhos dispersos na serapilheira: associação entre morfologia de formigas e estrutura do ninho. 2014. Tese (Doutorado em Biotecnologia) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Coorientador: Eduardo Luiz Longui.

3.
Olívia Pereira Lopes. Arquitetura hidráulica e densidade da madeira de árvores de Balfourodendron riedelianum, Cariniana legalis e Handroanthus vellosoi com 40 anos de idade. 2014. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Ciência Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Matheus Guedes Camargo. Caracterização anatômica de Poincianella pluviosa (DC.) L.P. Queiroz no sentido medula casca. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

2.
Rhayssa de Almeida Justo. Qualidade da madeira de Peltophorum dubium em dois sistemas de plantios. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

3.
Ana Tereza Durão Galão. Condutividade hídrica do lenho de espécies pioneiras/secundárias iniciais e não pioneiras. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

4.
Gabriela Trindade Pires. A procedência das sementes influencia na formação da madeira de Myracrodruon urundeuva?. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP). Orientador: Eduardo Luiz Longui.

5.
CAMILA MOURA SANTOS. DENDROCRONOLOGIA DE Platycladus orientalis (L.) Franco PROVENIENTE DO PARQUE ESTADUAL ALBERTO LÖFGREN. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

6.
MICHELLE ZOGHAIB DE OLIVEIRA SANTOS. VARIAÇÃO AXIAL NA MADEIRA DE Sessea brasiliensis: COMPARAÇÃO ENTRE ÁRVORES PROVENIENTES DE BROTAÇÃO DA BASE APÓS CORTE RASO E A PARTIR DE SEMENTES. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

7.
Laura de Araújo Alves. Potencial de condutividade de água no sentido raiz-ramo em três espécies arbóreas de Cerradão. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Presbiteriana Mackenzie. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

8.
Renata Argosini de Brito Garcia SILVA. Root-branch anatomical investigation of Eriotheca gracilipes young trees: a biomechanical and ecological approach. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Paulista. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

9.
Héctor Jesus Piñero Rivas. Correlations among anatomy, specific gravity and shear parallel to the grain in the wood of Caesalpinia peltophoroide. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ingeniería Forestal) - Universidade de Los Andes - Mérida - Venezuela. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

10.
Daniele Porto Benatti. Dendroecologia de Anadenanthera falcata (Benth.) Speg.. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

11.
Luiz SANTINI JUNIOR. Análise anatômica qualitativa e quantitativa e densidade básica da madeira de Achornea sidifolia Muell. Arg. (Euphorbiaceae). 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Paulista. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

12.
Priscylla Pfleger. Variação anatômica radial de Eucalyptus propinqua. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade do Estado de Santa Catarina. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

13.
Tatiana Cestini Gouveia. Anatomia comparada da raiz, caule e ramo de Copaifera langsdorffii Desf.. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Faculdade de Ciências da Saúde. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

14.
Carolina Giuli Menk. Correlação entre anatomia, densidade aparente, cisalhamento e velocidade de propagação do som em seis madeiras nativas. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Faculdade de Agronomia e Engenharia Florestal de Garça. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

Iniciação científica
1.
Lívia Cipriano Almeida Barros. Caracterização da madeira de espécies alternativas para a produção de clarinetes. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

2.
Vitor Hugo Barbedo. Proposta de um sistema automático para identificação de madeiras. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência e Tecnologia) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

3.
Guilherme Henrique Custódio. Caracterização anatômica e de algumas propriedades em teste de progênies com três espécies em consórcio. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

4.
Natália Matias Pinheiro da Silva. Estudo da madeira de Dipteryx alata Vogel: Herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos e Arquitetura hidráulica. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

5.
Guilherme Henrique Custódio. Tapering no diâmetro dos vasos na madeira de Peltophorum dubium. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

6.
Leonardo Mingardo Teixeira. Herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos da madeira em progênies de Dipteryx alata Vogel: estimativa de parâmetros genéticos em caracteres anatômicos da madeira. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

7.
Olívia Costa Medeiros. Identificação de madeira e casca a partir da serragem aderida à motosserra. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

8.
Guilherme Henrique Custódio. Diâmetro dos vasos no lenho de Genipa americana L. em relação à altura da árvore. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

9.
Vitor Hugo Barbedo. Herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos da madeira em progênies de Dipteryx alata Vogel: estimativa de parâmetros genéticos em caracteres anatômicos da madeira. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência e Tecnologia) - Universidade Federal de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

10.
Thaís Cristina Silva de Oliveira. Identificação de madeira e casca a partir da serragem aderida à motosserra. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade de Mogi das Cruzes, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

11.
Juliana Arce de Góes Pacheco. Variação radial da madeira de Cupressus lusitanica. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Ambiental) - Faculdades Oswaldo Cruz. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

12.
Juliana Aparecida Moureira. Comparação da anatomia e densidade aparente da madeira de Eucalyptus grandis E Eucalyptus grandis x Eucalyptus urophylla com diferentes graus de ploidia. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

13.
Giselli Francisca da Silva. : Herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos da madeira em progênies de Dipteryx alata Vogel: estimativa de parâmetros genéticos em caracteres anatômicos da madeira. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

14.
Abílio José Meiato Barrionuevo de Oliveira. Relação entre condutividade hidráulica e rigidez na madeira de árvores jovens de Eriobothrya japonica, Ligustrum lucidum e Tecoma stans. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Centro Universitário Moura Lacerda, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

15.
Mayara Pupo. Tapering no diâmetro dos vasos na madeira de Peltophorum dubium. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Ambiental) - Faculdades Oswaldo Cruz, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

16.
Bruna Zanatto. Variação entre raiz, caule e ramos da condutividade hidráulica, porcentagem de tipos de células e densidade da madeira em cinco espécies nativas brasileiras. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Agronomia) - Centro Universitário Moura Lacerda, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

17.
Juliana Aparecida Moureira. Potencial das madeiras de Libidibia ferrea (Mart. ex Tul.) L.P.Queiroz e Diptychandra aurantiaca Tul. na fabricação de arcos para instrumentos de corda. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

18.
Raul de Almeida Miranda. Herdabilidade do diâmetro e frequência dos vasos da madeira em progênies de Dipteryx alata Vogel: estimativa de parâmetros genéticos em caracteres anatômicos da madeira. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciência e Tecnologia) - Universidade Federal do ABC, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

19.
Juliana Arce de Goes Pacheco. Caracterização anatômica da madeira da raiz de 17 espécies de Cerrado. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Ambiental) - Faculdades Oswaldo Cruz. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

20.
Edval Faria. Anatomia do lenho de Ocotea catharinensis Mez. ao longo do gradiente altitudinal do Parque Estadual da Serra do Mar-Núcleo Cunha. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

21.
Ana Tereza Durão Galão. Condutividade hídrica do lenho de espécies pioneiras/secundárias iniciais e não pioneiras. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

22.
Gabriela Trindade Pires. Efeito da orientação dos raios na resistência ao cisalhamento paralelo à grã da madeira de quatro espécies brasileiras. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

23.
Rhayssa Almeida Justo. Relação entre rigidez e potencial de condutividade hidráulica na madeira de árvores jovens de Aspidosperma ramiflorum e Heliocarpus americanus. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

24.
Larissa Aparecida Ferrari Oliveira. Propriedades físicas e mecânicas da madeira de Myracrodruon urundeuva em dois sistemas de plantio. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Centro Universitário das Faculdades Metropolitanas Unidas. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

25.
Matheus Guedes Camargo. Variação radial de Caesalpinia pluviosa. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

26.
Iris de Freitas Medeiros. Variação axial da madeira de Croton piptocalyx. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade do Estado de Santa Catarina. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

27.
Carolina de Oliveira. Variação axial da madeira de Croton piptocalyx. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade do Estado de Santa Catarina. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

28.
Rhayssa Almeida Justo. Variação axial da madeira de Caesalpinia pluviosa. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

29.
Michelle Zoghaib de Oliveira Santos. Variação axial em árvores de Sessea brasiliensis provenientes de brotação e de sementes. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

30.
Daniela F. Bertholdo. RELAÇÕES ENTRE CARACTERÍSTICAS DAS TRAQUEÍDES E PROPRIEDADES FÍSICO-MECÂNICAS DA MADEIRA DE Cupressus lusitanica Mill. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Centro Universitário Paulistano. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

31.
Ana Tereza Durão Galão. Anatomia da raiz e do caule de Inga laurina (Sw.) Willd. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

32.
Diandra A. Boró. Variação radial da madeira de Croton piptocalyx Müll.Arg.. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Ambiental) - Instituto Superior de Ciências Aplicadas. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

33.
Rhayssa de Almeida Justo. Qualidade da madeira de Myracrodruon urundeuva em dois sistemas de plantio. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

34.
Gabriela Trindade Pires. A procedência das sementes influencia na condutividade hídrica do lenho de Myracrodruon urundeuva?. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

35.
CAMILA MOURA SANTOS. Anatomia do lenho de Ocotea catharinensis Mez. ao longo do gradiente altitudinal do Parque Estadual da Serra do Mar-Núcleo Cunha. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - UNINOVE, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

36.
Amanda Aparecida Vianna Assad. Anatomia comparada da madeira de Ocotea curucutuensis Baitello proveniente do Pico do Itapeva e do Parque Estadual da Serra do Mar, núcleo Curucutu. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Paulista. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

37.
Cássia Christine Schmidt Gondo. Correlações entre a anatomia, densidade aparente e resintência ao cisalhamento da madeira de Astronium graveolens no sentido axial. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Faculdade de Ciências Sociais e Agrárias de Itapeva. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

38.
Edval Faria. Comparação da madeira de Croton floribundus plantada em área de pasto e próxima a cultura de milho. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

39.
Asdrubal Angelo Baruffaldi Junior,. Dimensões das fibras e densidade básica de Croton floribundus: comparação entre área de pasto e área próxima à plantação de milho. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Paulista. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

40.
Gabriela Trindade Pires. A procedência das sementes influencia na formação da madeira de Myracroduon urundeuva?. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

41.
Ekton Assempção Passo. Variação radial da anatomia e densidade aparente da madeira de Myracroduon urundeuva aos 23 anos. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP). Orientador: Eduardo Luiz Longui.

42.
Renata Argosini de Brito Garcia SILVA. Variação radial e interespecífica do lenho de Luehea divaricata e Luehea candicans. 2011. Iniciação Científica - Universidade Paulista. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

43.
Camila Moura SANTOS. Camadas de crescimento na madeira de oito espécies plantadas em área de Cerrado. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

44.
Ivanka Rosada de Oliveira. Estrutura axial da madeira de Handroanthus vellosoi: tradeoff entre potencial hidráulico e resistência mecânica. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos - Campus Sorocaba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

45.
Rita de Cássia de Oliveira. Dendrocronologia e variação estrutural na madeira de Inga laurina. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

46.
Caroline Bianca do Nascimento. Anatomia da raiz, caule e ramo em árvores jovens de Anadenanthera falcata (Benth.) Speg.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - UNINOVE, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

47.
Laura de Araújo Alves. Indicadores ecológicos e eficiência na condução de água no lenho da raiz e do caule em três espécies de Cerradão. 2010. Iniciação Científica - Universidade Presbiteriana Mackenzie, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

48.
Natália de Oliveira Costa. Variações anatômicas do lenho e da folha em indivíduos de altura normal e anões de Copaifera langsdorffii Desf.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Presbiteriana Mackenzie, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

49.
Luana Naves Testoni. Variação estrutural em Plathymenia reticulata e sua influência nas propriedades físico-acústicas. 2009. Iniciação Científica - Instituto Florestal do Estado de São Paulo. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

50.
Itiberê Moura Sckerrat Suckow. Anatomia da madeira e densidade básica de angico-branco - Anadenanthera colubrina (Vell.) Brenan.. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Ambiental) - Faculdades Oswaldo Cruz. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

51.
Diego Romeiro. Variação intra e interespecífica do lenho de Luehea spp. Willd. em diferentes tipos de vegetação. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

52.
Eliane da Silva Sobral. Anatomia comparada do lenho de Gomidesia spp. (Myrtaceae) no P.E. Carlos Botelho. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

53.
Patrícia Camacho Ovando. Anatomia da madeira e folha em Myrcia albutomentosa e Myrcia multiflora (Myrtaceae). 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

54.
Luiz Fernando Simeoni. Anatomia da madeira e propriedades físicas, mecânicas e químicas de Luehea divaricata (açoita-cavalo) da Serra da Cantareira ? SP. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - UNINOVE. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

55.
Luana Naves Testoni. Variação no lenho de Croton floribundus Spreng. (Euphorbiaceae) em diferentes tipos de vegetação do estado de São Paulo. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Paulista. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

56.
Ivelize Maciel Andrade. Variação radial do lenho e densidade básica de Gallesia integrifolia (Spreng.) Harms.. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Ambiental) - Faculdades Oswaldo Cruz. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

Orientações de outra natureza
1.
Juliana Aparecida Moureira. A variabilidade espacial dos atributos químicos do solo influenciam as características dendrométricas e da madeira de Pinus caribaea Morelet?. 2017. Orientação de outra natureza. (Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São Carlos, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

2.
Stefanie Melo da Silva. Apoio administrativo. 2017. Orientação de outra natureza. (Ensino médio) - Escola Estadual Professora Maria Helena Gonçalves de Almeida, Centro de Integração Empresa Escola. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

3.
Daniele Alberta Martins. A VARIABILIDADE ESPACIAL DOS ATRIBUTOS QUÍMICOS DO SOLO INFLUENCIA AS CARACTERÍSTICAS DENDROMÉTRICAS E DA MADEIRA DE DUAS VARIEDADES DE Pinus caribaea MORELET. 2016. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade de Mogi das Cruzes, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

4.
Marcelo Roger Pereira Junior. Apoio administrativo. 2016. Orientação de outra natureza. (Ensino médio) - ESCOLA ESTADUAL ARNALDO BARRETO, Fundação do Desenvolvimento Administrativo. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

5.
Linda Janis Marfori. Apoio administrativo. 2016. Orientação de outra natureza. (Ensino médio) - ESCOLA NOVA CACHOEIRINHA, Fundação do Desenvolvimento Administrativo. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

6.
João Pedro Cortez de Machado. Apoio administrativo. 2015. Orientação de outra natureza. (Ensino médio) - E.E. Conselheiro Ruy Barbosa, Fundação do Desenvolvimento Administrativo. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

7.
Carla M. Oliveira. Estudo da anatomia da madeira e manutenção de coleções de insetos. 2014. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade de Mogi das Cruzes, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

8.
Wellington Moreira Ferreira. Porcentagem da área de vasos ao longo dos anéis de crescimento de Annona crassiflora. 2014. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade Nove de Julho. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

9.
Camila Moreira Batista. Dimensões das fibras e elementos de vaso de Handroanthus vellosoi com 24 anos. 2011. Orientação de outra natureza - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? Ilha Solteira (SP). Orientador: Eduardo Luiz Longui.

10.
Ivelize Maciel de Andrade. Padrão axial do lenho de Stryphnodendron adstringens (Mart.) Coville e Stryphnodendron rotundifolium Mart.. 2011. Orientação de outra natureza - Instituto Florestal do Estado de São Paulo. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

11.
Camila Paro. Correlações entre a anatomia, densidade aparente e resintência ao cisalhamento da madeira de Astronium graveolens no sentido axial. 2011. Orientação de outra natureza - Instituto Florestal do Estado de São Paulo. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

12.
Luana Aline Herreira. Variação axial do lenho em árvores jovens de Xylopia aromatica. 2010. Orientação de outra natureza. (Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP). Orientador: Eduardo Luiz Longui.

13.
Nádia Boareto Moreno. Variação axial do lenho em árvores jovens de Xylopia aromatica. 2010. Orientação de outra natureza. (Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? FCA Botucatu (SP). Orientador: Eduardo Luiz Longui.

14.
Daniela Araujo. Variação anatômica na madeira de Plathymenia reticulata e sua influência na densidade aparente e velocidade de propagação do som. 2010. Orientação de outra natureza. (Engenharia Florestal) - UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA - UNESP ? Ilha Solteira (SP). Orientador: Eduardo Luiz Longui.

15.
Morgana Tramontini da Silva. Variação radial da madeira e densidade básica de Pittosporum undulatum Vent.. 2009. Orientação de outra natureza. (Engenharia Florestal) - Universidade do Estado de Santa Catarina. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

16.
Eric Prado Engles. Diversidade de Myrmelachista Roger, 1863 (Hymenoptera: Formicidae: Formicinae), em uma área de Floresta Ombrófila Densa. 2009. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade de Mogi das Cruzes. Orientador: Eduardo Luiz Longui.

17.
Alaor Bufolo. Variação radial da estrutura anatômica e densidade básica da madeira de Piptadenia gonoacantha (Mart.) Macbr.. 2008. Orientação de outra natureza. (Engenharia Ambiental) - Faculdades Oswaldo Cruz. Orientador: Eduardo Luiz Longui.



Inovação



Projetos de pesquisa


Outras informações relevantes


Atuei no comitê interno do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Cientifica ? PIBIC, do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico ? CNPq no Instituto Florestal entre agosto de 2009 a julho de 2013, sendo Coordenador Científico entre agosto de 2011 a julho de 2013.

Atualmente faço parte da Comissão Editorial da Revista do Instituto Florestal.

Atualmente estou cadastrado em dois cursos de Pós Graduação:
1. PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA FLORESTAL pela UNESP de Botucatu
2. PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM PLANEJAMENTO E USO DE RECURSOS RENOVÁVEIS - PPGPUR-So pela UFSCAR de Sorocaba.

Além destes programas, participei como co-orientador de 1 mestrado e atualmente participo de duas co-orientações de mestrado no PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM BIODIVERSIDADE VEGETAL E MEIO AMBIENTE pelo Instituto de Botânica.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 12/12/2018 às 19:56:10