Michele Lunardi

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9832458184144869
  • Última atualização do currículo em 10/05/2018


Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), mestrado e doutorado em Ciência Animal pela mesma Instituição. Atualmente é professora do curso de doutorado em Biociência Animal da Universidade de Cuiabá (UNIC), em associação com a Universidade Federal de Viçosa (UFV). Tem experiência na área de Medicina Veterinária Preventiva, com ênfase em Doenças Infecciosas, atuando principalmente nos seguintes temas: Virologia animal, Diagnóstico Molecular e Taxonomia Molecular. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Michele Lunardi
Nome em citações bibliográficas
LUNARDI, M.;Lunardi, Michele;LUNARDI, M

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de Cuiabá, Mestrado Acadêmico em Biociência Animal - UNIC.
UNIC - Universidade de Cuiabá
Jardim Europa
78065900 - Cuiabá, MT - Brasil
Telefone: (65) 33631271


Formação acadêmica/titulação


2008 - 2011
Doutorado em Ciência Animal.
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Título: Caracterização Genética de um Novo Membro do Gênero Deltapapillomavirus (Papilomavírus Bovino Tipo 13) Identificado em Lesões Epiteliais de Bovinos e Equinos, Ano de obtenção: 2011.
Orientador: Amauri Alcindo Alfieri.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: papilomavírus bovino; clonagem; seqüênciamento; análise filogenética; RCA.
Grande área: Ciências Agrárias
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular.
Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados Com Essas Atividades.
2006 - 2008
Mestrado em Ciência Animal.
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Título: Caracterização Molecular do Gene L1 de um Provável Novo Tipo de Papilomavírus Bovino Identificado no Brasil,Ano de Obtenção: 2008.
Orientador: Amauri Alcindo Alfieri.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: bovinos; papilomavírus bovino; ORF L1; análise filogenética.
Grande área: Ciências Agrárias
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular.
Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados Com Essas Atividades.
2001 - 2005
Graduação em Medicina Veterinária.
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Título: Avaliação da Ocorrência do Coronavírus Bovino e do Rotavírus Bovino em Fezes de Bezerros Naturalmente Infectados.
Orientador: Amauri Alcindo Alfieri.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2011
Treinamento em Aplicações e Fundamentos da qPCR.
Life Technologies Brasil, LIFE TECHNOLOGIE, Brasil.
2010 - 2010
Introdução a Bioinformática.
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2009 - 2009
Novas Tecnologias em Vacinas Recombinantes.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2008 - 2008
Polimorf. Genéticos/ Epigenética e Câncer.
Mutagen - Brasil, MUTAGEN, Brasil.
2007 - 2007
Basic Course on Sequence Analysis.
Sociedade Brasileira de Virologia, SBV, Brasil.
2006 - 2006
Introdução à Microscopia Eletrônica.
Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência - São Paulo, SBPC, Brasil.
2004 - 2004
Biotecnologia e Biossegurança.
Instituto de Tecnologia e Desenvolvimento Econômico e Social, ITEDES, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de Cuiabá, UNIC, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Professora Dra / Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2012 - Atual
Ensino, Medicina Veterinária, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Bioquímica Veterinária
Imunologia Veterinária
Microbiologia Veterinária Aplicada - Virologia Geral e Especial
Molésticas Infecciosas dos Animais Domésticos
Zoonoses
07/2011 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Mestrado Acadêmico em Biociência Animal - UNIC, .

07/2011 - Atual
Ensino, Biociência Animal, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Biologia Molecular e Imunodiagnóstico na Medicina Veterinária
Epidemiologia Aplicada a Biociência Animal
Zoonoses Emergentes e Reemergentes

Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2011
Vínculo: Aluno de pós-graduação, Enquadramento Funcional: Doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

8/2004 - 7/2005
Estágios , Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Medicina Veterinária Preventiva.

Estágio realizado
Laboratório de Virologia Animal / Iniciação Científica - modalidade PIBIC/CNPq (960 horas).
8/2003 - 7/2004
Estágios , Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Medicina Veterinária Preventiva.

Estágio realizado
Laboratório de Virologia Animal / Iniciação Científica - modalidade PIBIC/CNPq (960 horas).
5/2003 - 7/2003
Estágios , Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Medicina Veterinária Preventiva.

Estágio realizado
Laboratório de Virologia Animal / Iniciação Científica junto ao Programa Institucional ? PIBIC/CNPq/UEL (240 horas).
8/2002 - 4/2003
Estágios , Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Medicina Veterinária Preventiva.

Estágio realizado
Laboratório de Virologia Animal - Técnicas de Diagnóstico.


Linhas de pesquisa


1.
Diagnóstico, Epidemiologia, Controle e Profilaxia de Doenças


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Estudo da diversidade genética de cepas do vírus da cinomose canina identificadas a partir de cães atendidos no hospital veterinário da UNIC
Descrição: O vírus da cinomose canina (atualmente morbilivírus canino) é um dos principais patógenos de importância para os cães domésticos sendo, portanto, sua infecção relevante e associada com altas taxas de morbidade e mortalidade em cães ao redor do mundo. Em geral, a introdução e o uso intenso de vacinas vivas atenuadas contra o morbilivírus canino, desde a década de 50, reduziu drasticamente a incidência da doença nos cães domésticos. No entanto, casos de infecção e doença em cães imunizados tem sido observados em diversas ocasiões. Baseando-se nessa observação, surge o questionamento sobre a eficiência das vacinas atuais em proteger os cães contra cepas virais selvagens que diferem geneticamente dos vírus incluídos na vacina. Além disso, várias investigações têm apontado para a ocorrência de diferenças antigênicas entre cepas vacinais e os isolados de campo. O objetivo deste projeto é verificar a diversidade genética de cepas do morbilivírus canino identificadas em cães com cinomose canina atendidos no HOVET da UNIC, por meio da obtenção da sequência completa do gene H das cepas virais identificadas, permitindo a classificação das mesmas nas diversas linhagens já descritas para o morbilivírus canino..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Alexandre Mendes Amude - Integrante / Amauri Alcindo Alfieri - Integrante / Glaucenyra Cecília Pinheiro da Silva - Integrante / Patrícia Alves da Silva - Integrante / Laura Cristina de Araujo - Integrante.Financiador(es): Universidade de Cuiabá - Auxílio financeiro.
2017 - Atual
Caracterização molecular de cepas do vírus da cinomose identificadas em carnívoros silvestres atendidos no Hospital Veterinário da UNIC
Descrição: O vírus da cinomose canina (atualmente morbilivírus canino) é um dos principais patógenos de importância para os cães domésticos sendo, portanto, sua infecção relevante e associada com altas taxas de morbidade e mortalidade em cães ao redor do mundo. Atualmente, sabe-se que este vírus também afeta numerosas espécies de animais silvestres, principalmente aqueles classificados na ordem Carnivora, determinando diversos quadros clínicos, seguidos ou não de mortalidade, nestes mesmos animais. Baseando-se na ausência de informação sobre a ocorrência desta virose em animais silvestres do Estado de Mato Grosso, surge o questionamento sobre a frequência de ocorrência e importância desta infecção, principalmente para os carnívoros silvestres da região. O objetivo deste projeto é detectar a ocorrência da infecção por este agente viral, através da RT-PCR, em carnívoros silvestres atendidos no Hospital Veterinário da UNIC. Além disso, estudar a diversidade genética de cepas de vírus identificadas nestes animais por meio da obtenção da sequência completa do gene H, permitindo a classificação das mesmas nas diversas linhagens já descritas para este agente viral..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Alexandre Mendes Amude - Integrante / Amauri Alcindo Alfieri - Integrante / DAROLD, GABRIELA MOLINARI - Integrante / Glaucenyra Cecília Pinheiro da Silva - Integrante / Patrícia Alves da Silva - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
2017 - Atual
Investigação Molecular do Circovírus e Poliomavírus em Aves Silvestres do Estado do Mato Grosso
Descrição: Os patógenos responsáveis por doenças infecciosas emergentes tornaram-se uma grande preocupação na biologia da conservação devido ao seu potencial de rápida evolução e ao efeito que uma epidemia pode ter em espécies vulneráveis. Circovírus e poliomavírus são os agentes virais mais comuns em psitacídeos de cativeiro. A doença do bico e das penas dos psitacídeos (PBFD) é causada por um vírus da família Circoviridae que já foi confirmado em mais de 60 espécies de aves em todo o mundo. Além de Psittaciformes, o vírus também infecta outras famílias aviárias como Columbiformes, Passeriformes e Anseriformes. Os sintomas clássicos da PBFD incluem desenvolvimento anormal das penas, deformidades do bico como fraturas, alongamento anormal e necrose palatina, além de letargia, depressão, diarréia e imunossupressão, levando as aves à morte devido a infecções bacterianas, parasitárias, fúngicas ou virais secundárias. O poliomavírus das aves (APV) causa uma doença semelhante à BFD, com alterações em penas, mas com outros sinais clínicos como hemorragia subcutânea, manifestando-se nas formas hiperaguda, aguda e crônica. Aves brasileiras aparentemente são assintomáticas na maioria dos casos e são aves que podem transmitir o vírus entre si e para aves exóticas. PCR é o método mais utilizado para a detecção do DNA de BPFV e de APV em amostras de sangue, penas, swab de cloaca e fígado. Não existe tratamento eficaz nem vacinas disponíveis para PBFD. A profilaxia envolve a quarentena dos animais recém-adquiridos, o isolamento e/ou a eutanásia dos animais positivos, assim como a limpeza, desinfecção e vazio sanitário prolongado das instalações onde permanecerem indivíduos infectados. O objetivo desse estudo será a detecção de circovírus e poliomavírus em amostras biológicas de psitacídeos e não-psitacídeos de vida livre e de cativeiro no Estado de Mato Grosso através da técnica de PCR seguida de sequenciamento direto dos amplicons obtidos para a caracterização das cepas identificadas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Alexandre Mendes Amude - Integrante / Amauri Alcindo Alfieri - Integrante / Kelly Cristiane Ito Yamauchi - Integrante / Andréia Stragliotto Pires - Integrante / Marco Aurélio M. Pires - Integrante / Vanessa Barbosa Stragliotto - Integrante.
2016 - 2017
Investigação molecular de Leishmania spp. em gatos domésticos atendidos no Hospital Veterinário da Universidade de Cuiabá (UNIC)
Descrição: As leishmanioses são de extrema importância à saúde pública, sendo responsáveis por milhares de óbitos e de novos casos em quase todo o mundo. As leishmanioses são doenças infecto-parasitárias de caráter zoonótico, causadas por protozoários do gênero Leishmania. Dependendo da espécie de protozoário envolvido, e da relação do parasita com seu hospedeiro, pode-se verificar a ocorrência de distintas formas clínicas.O número de casos diagnosticados de leishmaniose felina tem crescido nos últimos anos nas áreas endêmicas, principalmente no Brasil e Europa, devido ao avanço nas técnicas laboratoriais empregadas, sugerindo que esta espécie já não pode ser considerada um hospedeiro incomum de Leishmania spp. Nesta espécies animal, ainda são poucas as informações sobre os vários aspectos da doença, principalmente no que diz respeito à epidemiologia, visto que grande parte dos dados obtidos foram relatos de casos clínicos. A leishmaniose felina ainda é uma doença rara e pouco caracterizada, tanto na apresentação clínica dos animais quanto no diagnóstico e terapia. Devido a isso, o objetivo deste proejto é estimar a prevalência de leishmaniose felina em gatos assintomáticos e sintomáticos atendidos no Hospital Veterinário da UNIC, utilizando amostras de sangue total e a técnica de PCR para o diagnóstico laboratorial da infecção. O gato doméstico é um dos mamíferos suscetíveis à infecção por Leishmania spp. e, pelo fato de ser uma espécie crescente como pet, faz-se necessário identificar sua participação no ciclo epidemiológico das leishmanioses..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / DAROLD, GABRIELA MOLINARI - Integrante / Moisés Vieira de Almeida - Integrante.Financiador(es): Universidade de Cuiabá - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2016 - Atual
Epidemiologia molecular do Morbillivírus Felino e sua associação com doença renal crônica em gatos domésticos
Descrição: O morbillivírus felino pertence à família Paramyxovididae e inclui patógenos importantes para medicina humana e veterinária. Os agentes virais classificados neste gênero apresentam a propriedade de se adaptar a novos hospedeiros. O vírus da cinomose canina tem como o principal hospedeiro os cães, porém, já foi relatada a infecção por este vírus em grandes felinos. Recentemente foi descoberto um novo vírus, detectado através de amostras de urina e tecidos renais de felinos domésticos, em várias regiões geográficas do mundo, denominado morbillivírus felino (FeMV). Este vírus tem sido associado com nefrite tubulointersticial, que é o principal diagnóstico morfológico da doença renal crônica (DRC) em felinos domésticos. Pouco se sabe sobre a apresentação clínica, importância epidemiológica e diagnóstico deste agente viral. O objetivo deste trabalho é estimar a prevalência da infecção pelo FeMV nos gatos domésticos da cidade de Cuiabá e região, utilizando amostras de tecidos renais obtidas durante a necropsia dos gatos, assim como alíquotas de urina e sangue. A detecção do RNA viral a partir desses tecidos será realizada através da técnica de RT-PCR. A presença do material genético viral será correlacionada com os achados histopatológicos renais e com resultados da técnica de imunohistoquímica que será realizada nos mesmos tecidos. Felinos com idade superior a 15 anos tendem a desenvolver doença renal crônica, então, faz-se necessário elucidar se o FeMV é um dos agentes determinantes da DRC..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Alexandre Mendes Amude - Integrante / Amauri Alcindo Alfieri - Integrante / DAROLD, GABRIELA MOLINARI - Integrante / Káryta Maria de Lima Bezerra Bertti - Integrante.Financiador(es): Universidade de Cuiabá - Auxílio financeiro.Número de orientações: 3
2015 - Atual
Caracterização molecular de tipos de papilomavírus identificadas a partir de diversos materiais biológicos de diferentes espécies animais
Descrição: Os papilomavírus (PV) constituem um grupo de vírus altamente diverso que ocorre na maioria dos vertebrados superiores, incluindo os seres humanos. No Brasil, infecções pelo PV, envolvendo vírus anteriormente descritos ou ainda desconhecidos, têm sido documentadas principalmente em animais domésticos, de companhia ou de produção, a partir de variados desfechos clínicos ou materiais biológicos coletados a partir de animais assintomáticos. Uma das estratégias iniciais para a identificação de novos PVs é baseada na reação em cadeia pela polimerase (PCR) empregando oligonucleotídeos iniciadores (primers) universais ou degenerados. Uma das metodologias mais empregadas envolve a utilização do par de primers degenerados FAP (FAP59 e FAP64). Enquanto mais de 100 tipos de HPVs já foram identificados, os representantes das espécies animais somam poucas dezenas. A hipótese mais provável para a identificação de apenas poucos novos tipos de PV a partir de espécies animais pode ser devido ao uso de metodologias inadequadas para sua identificação. Por meio da utilização dos primers consensuais, do seqüenciamento dos amplicons obtidos, e da caracterização do genoma por meio da técnica de amplificação por círculo rolante (RCA) seguida de sequenciamento, foi possível a detecção e caracterização de numerosos novos tipos de PVs a partir de amostras biológicas de animais ao redor do mundo. Um exemplo disso é a recente identificação de vários prováveis novos tipos de papilomavírus bovino (BPV), que ainda não haviam sido descritos na literatura mundial, em rebanhos brasileiros. O objetivo deste projeto é caracterizar molecularmente as cepas de PV purificados a partir de materiais biológicos diversos obtidos tanto de espécies animais domésticas quanto de animais silvestres e caracterizar os prováveis novos tipos virais que possam ser detectados. Com essa finalidade, para identificação utilizaremos primers universais ou degenerados anteriormente selecionados para anelar em regiões conservadas do genoma viral, com subsequente amplificação do genoma por RCA e caracterização por sequenciamento..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Avaliação Molecular da Presença do Vírus da Hepatite E em Amostras de Fígado e Fezes de Suínos de Diversas Regiões do Estado de Mato Grosso
Descrição: A hepatite E é uma doença aguda de transmissão fecal-oral causada pelo HEV (hepatitis E virus), endêmica em países em desenvolvimento, com péssimas condições sanitárias, onde o acesso à água potável é insuficiente. Casos esporádicos têm sido relatados em países desenvolvidos. No homem, geralmente ocasiona infecção aguda e autolimitante, que pode ocorrer na forma inaparente, com rápida eliminação viral, ou evoluir para formas mais graves, incluindo hepatite fulminante fatal. De ocorrência rara no Brasil e comum na Ásia e na África, a infecção pelo HEV em humanos e em outros mamíferos ocorre não somente através da água e de alimentos contaminados por fezes, mas também pela ingestão de carne de animais infectados, sendo os suínos os reservatório mais estudados, com elevada prevalência de anticorpos contra hepatite E (anti-HEV), em criações em várias partes do mundo, inclusive no Brasil. Este projeto tem como objetivo identificar a infecção pelo HEV em suínos de várias localidades do Estado de Mato Grosso, abatidos em dois frigoríficos abrangentes da região. Para tal, amostras fecais e de fígado serão colhidas e submetidas a RT-nested PCR, sendo que os amplicons gerados, representando fragmentos parciais das ORFs 1 e 2, serão sequenciados para caracterização molecular das cepas identificadas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Amauri Alcindo Alfieri - Integrante / Daniel Lucas da Costa Bica - Integrante / Simone Gonçalves da Silva Duarte - Integrante.Financiador(es): Universidade de Cuiabá - Auxílio financeiro.
2014 - 2016
Viroses que interferem nas taxas de eficiência reprodutiva em rebanhos bovinos de corte: Avaliação molecular da presença do BVDV no sêmen de touros utilizados para repasse em manejo reprodutivo de estação de monta com IATF no estado de Mato Grosso
Descrição: Na espécie bovina, a infecção pelo BVDV de fêmeas durante o período gestacional tem como consequência a transmissão transplacentária do BVDV ao concepto. A eliminação persistente do BVDV no sêmen de touros tem sido relacionada ao alto risco de transmissão venérea por monta natural ou inseminação artificial (IA). O objetivo desta proposta é o de investigar rebanhos bovinos de corte da região sul do estado de Mato Grosso quanto a presença do BVDV em amostras de sêmen colhidas de touros. Além disso, a identificação das espécies e subgenotipos virais circulantes será realizada por RT-PCR seguida de sequenciamento direto dos produtos de PCR obtidos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Amauri Alcindo Alfieri - Integrante / Alice Fernandes Alfieri - Integrante / Rodrigo Alejandro Arellano Otonel - Integrante / Marcelo Diniz dos Santos - Integrante / Sandro Ribeiro da Costa - Integrante / Paulo Victor Braga Santos - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso - Auxílio financeiro.
2014 - 2016
Fauna flebotomínica e soroprevalência para leishmaniose visceral canina em área urbana na região central do Brasil
Descrição: As leishmanioses são zoonoses de grande importância em saúde pública. Os agentes etiológicos são protozoários do gênero Leishmania, transmitidos por flebotomíneos de importância médica e veterinária. As espécies Lutzomyia longipalpis e Lutzomyia cruzi, são responsáveis pela transmissão da leishmaniose visceral americana (LVA). Alguns animais silvestres e canídeos domésticos são os reservatórios da Leishmania (Leishmania) infantum chagasi. A LVA ocorre em quase todo o território brasileiro e o primeiro caso humano autóctone da doença em Cuiabá foi registrado em 2005, enquanto onze casos ocorreram entre 2009 e2013. Entre estes últimos casos, três ocorreram na região Pedra 90. A vigilância das leishmanioses tem como propósito reduzir a ocorrência da doença e óbitos em seres humanos. Com o objetivo de conhecer as espécies de flebotomíneos presentes na região do Pedra 90 e a ocorrência de cães infectados, será realizado um levantamento entomológico mensal durante doze meses e inquérito canino de 350 cães desta localidade. Nos levantamentos serão utilizadas armadilhas CDC, e no inquérito canino serão empregados os testes rápidos (DPP) Biomanguinhos para triagem e ensaio imunoenzimático (ELISA) como prova confirmatória..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Paulo Victor Braga Santos - Integrante / Daniel Lucas da Costa Bica - Integrante / JAQUELINE APARECIDA MENEGATTI - Integrante / Aline Oliveira - Integrante.Financiador(es): Universidade de Cuiabá - Auxílio financeiro.
2014 - Atual
Avaliação molecular por PCR dos principais agentes virais que afetam a eficiência reprodutiva de rebanhos bovinos
Descrição: A gama de patógenos relacionados a quadros de infertilidade e abortamentos nas fêmeas bovinas é ampla e inclui diferentes classes de microrganismos como vírus, bactérias e protozoários. A presença destes agentes infecciosos pode resultar em perdas econômicas consideráveis para a produção animal, fato que torna clara a necessidade em se estabelecer medidas de controle para prevenir as infecções e doenças estabelecidas pelos mesmos. Vários microrganismos patogênicos podem ser responsáveis por distúrbios da reprodução em bovinos, porém, pela frequência de ocorrência nos rebanhos brasileiros destacam-se as bactérias Brucella abortus, Leptospira spp., Campilobacter fetus e o Ureaplasma spp; os protozoários Tritrichomonas fetus e Neospora caninum; e os vírus herpesvírus bovino 1 (BoHV-1) e o vírus da diarreia viral bovina (BVDV). O objetivo deste projeto é realizar a detecção molecular e genotipagem, por meio de PCR e sequenciamento direto, dos vírus BVDV e BoHV a partir de diversos materiais biológicos obtidos de rebanhosde leite e de corte do Estado de Mato Grosso..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michele Lunardi - Coordenador / Alfieri, Amauri A. - Integrante / Marcelo Diniz dos Santos - Integrante / Raphael Campos Quinteiro - Integrante / Daniel Lucas da Costa Bica - Integrante.Financiador(es): Universidade de Cuiabá - Auxílio financeiro.
2009 - 2011
Estratégias para a produção de vacina para o controle da papilomatose mamária. I - Clonagem e expressão do gene L1 do BPV-6 em baculovírus para a produção de VLPs (virus-like particles)
Descrição: A infecção pelo papilomavírus bovino (BPV) em rebanhos com aptidão para corte e/ou leite é endêmica em todas as regiões geográficas brasileiras e ocorre com maior frequência em rebanhos leiteiros. Mesmo sendo considerada uma infecção relativamente comum, a papilomatose bovina é uma doença negligenciada tanto pelas indústrias de vacinas quanto por órgãos oficiais de defesa sanitária animal. Entretanto, um tipo especial de apresentação em rebanhos bovinos leiteiros, a papilomatose mamária, ocorre com muita frequência, particularmente em pequenos e médios rebanhos, base da produção nacional e carente de informações técnicas. Os prejuízos econômicos da papilomatose mamária são expressivos no médio prazo. Além de predispor à ocorrência de mastites clínicas e subclínicas, reduzir a produção de leite e aumentar os custos com medicamentos, a papilomatose mamária ocasiona o descarte precoce de matrizes. Com isso tanto a evolução numérica quanto genética do rebanho ficam comprometidas. Por ser uma infecção viral não há tratamento específico para a papilomatose mamária. No campo, observa-se a proliferação de métodos não-convencionais de tentativas de tratamento, a grande maioria deles completamente empíricos e sem embasamento técnico-científico. Existem dezenas de diferentes tipos de BPVs. Em estudo anterior observamos que o BPV-6 ocorre com maior frequência nos casos clínicos de papilomatose mamária. Uma característica biológica dos papilomavírus é a não adaptação em cultivo celular o que inviabiliza o desenvolvimento de vacinas por metodologias convencionais utilizadas em virologia. A proteína L1, principal constituinte do capsídeo do BPV, é imunogênica e induz a formação de anticorpos neutralizantes. A clonagem e expressão do gene L1 do BPV resulta na formação de partículas semelhantes a vírus (VLPs virus-like particles) com grande potencial imunogênico. Essa estratégia foi utilizada para o desenvolvimento das vacinas para a prevenção do carcinoma cervical em seres humano..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2011
Doenças endêmicas negligenciadas na pecuária bovina leiteira: Profilaxia da papilomatose mamária por meio de vacinas VLPs (virus-like particles) produzidas a partir da ORF L1 do BPV-6
Descrição: A infecção pelo papilomavírus bovino (BPV) em rebanhos com aptidão para corte e/ou leite é endêmica em todas as regiões geográficas brasileiras e ocorre com maior freqüência em rebanhos leiteiros. Mesmo sendo considerada uma infecção relativamente comum, a papilomatose bovina é uma doença negligengiada tanto pelas indústrias de vacinas quanto por órgãos oficiais. Entretanto, um tipo especial de apresentação em rebanhos bovinos leiteiros, a papilomatose mamária, ocorre com muita freqüência, particularmente em pequenos e médios rebanhos leiteiros, base da produção nacional e carente de informações técnicas. Os prejuízos econômicos da papilomatose mamária são expressivos no médio prazo. Além de predispor à ocorrência de mastites clínicas e subclínicas, reduzir a produção de leite e aumentar os custos com medicamentos, a papilomatose mamária ocasiona o descarte precoce de matrizes. Com isso tanto a evolução numérica quanto genética do rebanho ficam comprometidas. Por ser uma infecção viral não há tratamento específico para a papilomatose mamária. No campo, observa-se a proliferação de métodos não-convencionais de tentativas de tratamento, a grande maioria deles completamente empíricos, sem base científica, alguns chegando às raias do ocultismo. Existem dezenas de diferentes tipos de papilomavírus bovino (BPV). Em estudo anterior, observamos que o BPV-6 ocorre com maior freqüência nos casos clínicos de papilomatose mamária. Uma característica biológica dos papilomavírus é a não adaptação em cultivo celular. A proteína L1 do BPV é imunogênica e induz a formação de anticorpos neutralizantes. A clonagem e expressão do gene L1 do BPV resulta na formação de partículas semelhantes a vírus (VLPs virus-like particles) com grande potencial imunogênico. O objetivo desse projeto é produzir uma vacina para a profilaxia da papilomatose mamária, ocasionada pelo BPV-6, por meio de VLPs, clonagem e expressão do gene L1 do BPV-6 em em células eucariotas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2011
Cadeia Produtiva do Leite: A epigenética e a sanidade como instrumentos para a otimização da produção in vitro de embriões bovinos e o incremento sustentável da produção de leite em condições tropicais
Descrição: A produção de alimentos ocupa hoje os principais noticiários de todo o mundo, tendo em vista a necessidade premente de equacionar o aumento da demanda global e a insuficiência atual dos segmentos da agricultura e da pecuária para a oferta de alimentos. Um dos aspectos fundamentais da importância da proteína animal, pela sua magnitude social, é a produção de leite. O Brasil apresenta um potencial extraordinário para este segmento, embora pouco aproveitado. No campo da Produção Animal, e mais especificamente da reprodução animal, o Brasil apresenta-se como liderança mundial na produção de embriões bovinos. O Brasil poderá atingir patamares muito superiores de produção leiteira se superar os principais desafios da indústria nacional de embriões destacando-se a necessidade de protocolos mais eficientes para criopreservação e a padronização de procedimentos sanitários para embriões gerados in vitro. A presente proposta foi formulada com o objetivo de contribuir para a solução de três grandes desafios para a cadeia produtiva do leite, envolvendo a sanidade e a reprodução animal: i) maior eficiência do sêmen sexado na produção in vitro de embriões bovinos; ii) desenvolvimento de um protocolo funcional de criopreservação de embriões produzidos in vitro; iii) estabelecimento de protocolos que atestem o padrão de excelência na sanidade de embriões bovinos produzidos in vitro. Propõe-se i) estabelecer protocolos inéditos e de reconhecimento internacional para garantir a sanidade de embriões produzidos in vitro; ii) desenvolver um programa de transferência tecnológica, para tornar a produção de embriões um instrumento de grande impacto no aumento da produção leiteira; iii) proporcionar maior regularidade na produção leiteira ao longo do ano, com maiores índices de prenhez nos meses de temperatura mais elevada, graças à substituição da inseminação artificial pela transferência de embriões; iv) proporcionar o aceleramento do melhoramento genético do rebanho leiteiro..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
Epidemiologia molecular da papilomatose cutânea em rebanhos bovinos brasileiros e caracterização da seqüência genômica completa de quatro supostos novos tipos de papilomavírus bovino identificados no Estado do Paraná
Descrição: O papilomavírus (PV) constitui um grupo de vírus altamente diverso que ocorre na maioria dos vertebrados superiores, incluindo os seres humanos. No Brasil, independentemente do nível de tecnificação da exploração pecuária, a infecção pelo papilomavírus bovino (BPV) pode ser encontrada em praticamente todo o país tanto em rebanhos de corte quanto, principalmente, naqueles com aptidão leiteira. Os métodos recentes para a identificação de novos PVs são baseados na reação da polimerase em cadeia (PCR) empregando oligonucleotídeos iniciadores (primers) degenerados. Uma destas metodologias, envolvendo a utilização do par de primers degenerados FAP (FAP59 e FAP64). Enquanto numerosos tipos de HPVs têm sido identificados, até o início da década de 80 somente seis tipos de BPV (BPV-1 a -6) haviam sido caracterizados, também por meio do seqüenciamento do genoma completo. A hipótese mais provável para a não identificação de novos tipos de BPV pode ser devido ao uso de metodologias inadequadas para esse objetivo. Por meio da utilização dos primers consensuais FAP59/FAP64 e do seqüenciamento dos amplicons obtidos, foi possível a detecção de 15 supostos novos tipos de BPV, tanto a partir de lesões cutâneas quanto pele saudável, de bovinos do Japão e da Suécia. Recentemente o nosso grupo, em um trabalho piloto, utilizando o par de primers FAP59/FAP64, identificou a partir de papilomas cutâneos de bovinos do estado do Paraná, tanto tipos de BPV já descritos anteriormente (BPV-1, 2, 6 e 8) quanto quatro supostos novos tipos de BPV que ainda não haviam sido descritos na literatura mundial. O objetivo deste projeto é identificar os tipos de BPV relacionados a neoplasias epiteliais benignas em rebanhos bovinos leiteiros e de corte de alguns estados brasileiros e caracterizar os supostos novos tipos virais por meio da determinação da seqüência completa do seu genoma. Com essa finalidade, utilizaremos o par de primers FAP para a amplificação de um produto de 478 pb. Posteriormente, esse..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2005
Investigação epidemiológica e molecular sobre a infecção pelo papilomavírus bovino tipos 1, 2 e 4 em rebanhos bovinos associados a neoplasias de bexiga e do trato digestório superior.
Descrição: A hematúria enzoótica (HE) e o tumor no trato digestório superior em bovinos são enfermidades cujas etiologias estão relacionadas à associação entre a infecção pelo papilomavírus bovino (BPV) e a alimentação em pastagens contaminadas pela planta tóxica Pteridium aquilinum (samambaia). A HE e o carcinoma do trato digestório superior em bovinos estão presentes em todo o mundo e apresentam caráter endêmico em determinadas áreas, associadas à presença da samambaia na pastagem. O prévio conhecimento da epidemiologia e das características moleculares dos diferentes tipos de BPV causadores de HE e de tumor do trato digestório de bovinos são de fundamental importância para o desenvolvimento e avaliação de métodos de controle e profilaxia desta virose. Com isto, propõem-se neste projeto inicialmente estabelecer a freqüência de HE e de tumor de trato digestório superior em rebanhos bovinos de corte criados extensivamente na região Norte do Estado do Paraná. Em rebanhos com alta freqüência de ocorrência destas neoplasias, será investigada por PCR a presença do BPV em linfócitos sangüíneos de diversas categorias de animais e em fragmentos de tecidos de animais com sinais clínicos. Posteriormente será investigada a forma de expressão viral nas células infectadas por meio da avaliação do gene da proteína E2, que regula a expressão das proteínas E6 e E7 que inibem genes celulares supressores da transformação celular. Será ainda avaliada a homologia dos genes das proteínas L1 e L2, presentes no capsídeo viral, que induzem resposta imune humoral e celular responsáveis pelo controle da infecção e pela regressão tumoral, respectivamente, sendo com isto os principais alvos no desenvolvimento de proteínas recombinantes passíveis de serem empregadas em vacinas experimentais. CNPq (477.605/2003-6) CPG / UEL (2552 / 2003) FUNDAÇÃO ARAUCÁRIA: 4997/2003..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2005
Diarréia Neonatal Bovina: Diagnóstico e Caracterização Molecular de Rotavírus, Coronavírus, Torovírus e Calicivírus Bovinos.
Descrição: Considerando a importância da etiologia viral nos episódios de diarréia em bezerros este projeto tem por objetivos o desenvolvimento, padronização e a avaliação de técnicas de diagnóstico molecular, para a determinação da freqüência de ocorrência do rotavírus, coronavírus, torovírus e do calicivírus em infecções singulares e mistas, em fezes diarréicas e não diarréicas de bezerros; correlacionar a presença destes vírus com algumas características de manejo, faixa etária e gravidade do quadro clínico, assim como realizar análises moleculares para a caracterização filogenética dos fragmentos amplificados. Serão colhidas 400 amostras de fezes de bezerros com e sem diarréia, em rebanhos bovinos de corte e leite da região norte do estado do PR. Devido à grande presença de inibidores da reação de RT-PCR, serão testados diferentes protocolos de extração de ácido nucleico (RNA). Para a realização da técnica de RT-PCR serão avaliados diferentes primers e condições de reação tanto da etapa de transcrição-reversa quanto de PCR. Com base nas características clínicas e epidemiológicas da infecção, e também na qualidade e intensidade da reação de RT-PCR, alguns amplicons serão selecionados para análises moleculares por RFLP e por seqüenciamento. Pretende-se com estas metodologias proporcionar conhecimentos sobre a freqüência de ocorrência do rotavírus e, particularmente, do coronavírus, do torovírus e do calicivírus, em infecções singulares e mistas, nos episódios de diarréias neonatais em bovinos, determinar faixa etária de maior prevalência, gravidade do quadro clínico, disponibilizar metodologias de diagnóstico etiológico conclusivo e avaliar algumas características moleculares dos vírus estudados. Os resultados serão comparados entre si e com os disponíveis na literatura para cada um dos vírus e em particular com análises filogenética de calicivírus humanos. CNPq (476.428/2003-3)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2001 - 2004
Problemas Sanitários em Bovinos: Identificação de Pontos Críticos, Propostas de Controle e Avaliação das Medidas Implementadas sobre a Produção no Agronegócio do Leite.
Descrição: Será realizado um levantamento epidemiológico completo dos principais problemas sanitários infecciosos e parasitários que ocorrem na bacia leiteira da região do Arenito do Caiuá / PR. Serão propostas e monitoradas medidas de controle e profilaxia para as principais afecções encontradas. Será avaliada a produtividade dos rebanhos no marco zero e ao término dos trabalhos. CNPq / Plano Sul de Pesquisa e Pós-graduaçã0 (520.548/00). Fundação Araucária / PR CPG / UEL..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2016 - Atual
Periódico: UNICIÊNCIAS (UNIC)


Revisor de periódico


2017 - Atual
Periódico: Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia
2014 - Atual
Periódico: Semina. Ciências Agrárias (Online)


Revisor de projeto de fomento


2012 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Medicina Veterinária Preventiva/Especialidade: Doenças Infecciosas de Animais.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Medicina Veterinária Preventiva/Especialidade: Epidemiologia Animal.
3.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Medicina Veterinária Preventiva/Especialidade: Saúde Animal (Programas Sanitários).
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Bioquímica / Subárea: Biologia Molecular.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Molecular e de Microorganismos.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende RazoavelmenteLê Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2005
Honra ao mérito devido classificação de primeiro lugar na turma de formandos de 2005, Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Paraná.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
DAROLD, GABRIELA MOLINARI2017 DAROLD, GABRIELA MOLINARI ; Alfieri, Amauri Alcindo ; MURARO, LÍVIA SAAB ; Amude, Alexandre Mendes ; ZANATTA, ROSANA ; YAMAUCHI, KELLY CRISTIANE ITO ; ALFIERI, Alice Fernandes ; Lunardi, Michele . First report of feline morbillivirus in South America. Archives of Virology, v. 162, p. 469-475, 2017.

2.
VOLTARELLI, DANIELE CRISTINA2017VOLTARELLI, DANIELE CRISTINA ; DE ALCÂNTARA, BRÍGIDA KUSSUMOTO ; Lunardi, Michele ; ALFIERI, Alice Fernandes ; DE ARRUDA LEME, RAQUEL ; Alfieri, Amauri Alcindo . A nested-PCR strategy for molecular diagnosis of mollicutes in uncultured biological samples from cows with vulvovaginitis. ANIMAL REPRODUCTION SCIENCE, v. 188, p. 137-143, 2017.

3.
NEGRI FILHO, LUIZ CARLOS2016NEGRI FILHO, LUIZ CARLOS ; PEREIRA, CÉLIO EDUARDO SARGENTIN ; CHINEZE, PEDRO HERIQUE NEWBERY ; BOGADO, ALEXEY LEON GOMEL ; BRONKHORST, DALTON EVERT ; Lunardi, Michele ; OKANO, WERNER . Use of the enzyme gamma-glutamyl transferase (GGT) as an indirect measure of passive transfer of immunity in holstein calves and association with the occurrence of diarrhea after birth. Bioscience Journal (Online), v. 32, p. 455-459, 2016.

4.
Lunardi, Michele2016Lunardi, Michele; DE CAMARGO TOZATO, CLAUDIA ; ALFIERI, Alice Fernandes ; DE ALCÂNTARA, BRÍGIDA KUSSUMOTO ; VILAS-BOAS, LAURIVAL ANTONIO ; Otonel, Rodrigo Alejandro Arellano ; Headley, Selwyn Arlington ; Alfieri, Amauri Alcindo . Genetic diversity of bovine papillomavirus types, including two putative new types, in teat warts from dairy cattle herds. Archives of Virology, v. 161, p. 1569-1577, 2016.

5.
BRONKHORST, D. E.2015BRONKHORST, D. E. ; CHINEZE, P. H. N. ; RODRIGUES, S. M. C. ; NEGRI FILHO, L. C. ; FURLAN, D. ; MARCASSO, R. A. ; ALMEIDA, M. F. ; STURION, M. A. T. ; Lunardi, Michele ; SILVA, L. C. ; OKANO, W. . Investigação de trauma na etiologia de aborto bovino leiteiro no Paraná, Brasil ? Relato de caso. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal, v. 9, p. 278-287, 2015.

6.
ALCÂNTARA, BRÍGIDA K. DE2015ALCÂNTARA, BRÍGIDA K. DE ; Alfieri, Amauri A. ; HEADLEY, SELWYN A. ; B.RODRIGUES, WAGNER ; OTONEL, RODRIGO A.A. ; Lunardi, Michele ; Alfieri, Alice F. . Caracterização molecular de DNA de Delta papillomavirus bovino (BPV1, 2 e 13) em sarcoides equinos. Pesquisa Veterinária Brasileira (Online), v. 35, p. 431-436, 2015.

7.
OTONEL, RODRIGO A. A.2014OTONEL, RODRIGO A. A. ; Alfieri, Alice F. ; DEZEN, STELAMARIS ; LUNARDI, M. ; HEADLEY, SELWYN A. ; Alfieri, Amauri A. ; ALFIERI, A. A. . The diversity of BVDV subgenotypes in a vaccinated dairy cattle herd in Brazil. Tropical Animal Health and Production, v. 46, p. 87-92, 2014.

8.
ALCÂNTARA, BRÍGIDA K. DE2014ALCÂNTARA, BRÍGIDA K. DE ; Alfieri, Amauri A. ; RODRIGUES, WAGNER B. ; OTONEL, RODRIGO A.A. ; Lunardi, Michele ; HEADLEY, SELWYN A. ; Alfieri, Alice F. . Identification of canine papillomavirus type 1 (CPV1) DNA in dogs with cutaneous papillomatosis. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso), v. 34, p. 1223-1226, 2014.

9.
LUNARDI, M.;Lunardi, Michele;LUNARDI, M2013 LUNARDI, M.; DE ALCANTARA, B. K. ; OTONEL, R. A. A. ; RODRIGUES, W. B. ; Alfieri, A. F. ; ALFIERI, A. A. ; ALFIERI, A. A. . Bovine papillomavirus type 13 DNA in equine sarcoids. Journal of Clinical Microbiology (Print), v. 51, p. 2167-2171, 2013.

10.
LUNARDI, M.;Lunardi, Michele;LUNARDI, M2013 LUNARDI, M.; ALFIERI, A. A. ; Alfieri, Amauri Alcindo ; OTONEL, RODRIGO ALEJANDRO ARELLANO ; DE ALCÂNTARA, BRÍGIDA KUSSUMOTO ; RODRIGUES, WAGNER BORGES ; DE MIRANDA, ANTONIO BASILIO ; Alfieri, Alice Fernandes . Genetic characterization of a novel bovine papillomavirus member of the Deltapapillomavirus genus. Veterinary Microbiology (Amsterdam. Print), v. 162, p. 207-213, 2013.

11.
Dezen, S.2013Dezen, S. ; OTONEL, R. A. A. ; ALFIERI, A. F. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. A. . Perfil da infecção pelo vírus da diarreia viral bovina (BVDV) em um rebanho bovino leiteiro de alta produção e com programa de vacinação contra o BVDV 1. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso), v. 33, p. 141-147, 2013.

12.
TOZATO, C. C.2013TOZATO, C. C. ; LUNARDI, M ; Alfieri, A. F. ; OTONEL, RODRIGO A. A. ; SANTIS, G. W. ; DE ALCANTARA, B. K. ; HEADLEY, S ; Alfieri, Amauri A. . Teat papillomatosis associated with bovine papillomavirus types 6, 7, 9, and 10 in dairy cattle from Brazil. Brazilian Journal of Microbiology (Online), v. 44, p. 905-909, 2013.

13.
SCHNEIDER, RUI CARLOS2013SCHNEIDER, RUI CARLOS ; SANTOS, MARCELO DINIZ ; Lunardi, Michele ; BENETTI, ANA HELENA ; CAMARGO, LÁZARO MANOEL ; FREITAS, SILVIO HENRIQUE ; NEGREIRO, RÍSIA LOPES ; COSTA, DEILER SAMPAIO . Prevalence of brucellosis and risk factors associated with its transmission to slaughterhouse employees in the Cuiaba metropolitan area in the state of Mato Grosso. Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 34, p. 2367-2374, 2013.

14.
2Lunardi, Michele2010Lunardi, Michele; Claus, Marlise P. ; Alfieri, Amauri A. ; Fungaro, Maria Helena P. ; Alfieri, Alice F. . Phylogenetic position of an uncharacterized Brazilian strain of bovine papillomavirus in the genus Xipapillomavirus based on sequencing of the L1 open reading frame. Genetics and Molecular Biology (Impresso), v. 33, p. 745-749, 2010.

15.
5Claus, Marlise P.2009Claus, Marlise P. ; Lunardi, Michele ; Alfieri, Alice F. ; Sartori, Daniele ; Fungaro, Maria Helena P. ; Alfieri, Amauri A. . Identification of the recently described new type of bovine papillomavirus (BPV-8) in a Brazilian beef cattle herd. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso), v. 29, p. 25, 2009.

16.
4Lisbôa, Júlio Augusto Naylor2009Lisbôa, Júlio Augusto Naylor ; Isernhagen, Allan Jürgen ; Borges, Alexandre Secorun ; Amorim, Rogério Martins ; Balarin, Mara Regina Stipp ; Lunardi, Michele ; Alfieri, Amauri Alcindo . Hematological and cerebrospinal fluid changes in cattle naturally and experimentally infected with the bovine herpesvirus 5. Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso), v. 52, p. 69, 2009.

17.
8Lunardi, Michele2009Lunardi, Michele; Claus, Marlise Pompeo ; Lisbôa, Júlio Augusto Naylor ; Amude, Alexandre Mendes ; Headley, Selwyn Arlington ; Alfieri, Alice Fernandes ; Alfieri, Amauri Alcindo . Neurological and epidemiological aspects of a BoHV-5 meningoencephalitis outbreak. Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso), v. 52, p. 77, 2009.

18.
3Claus, Marlise Pompeo2009Claus, Marlise Pompeo ; Lunardi, Michele ; Alfieri, Amauri Alcindo ; Otonel, Rodrigo Alejandro Arellano ; Ferracin, Lara Munique ; Fungaro, Maria Helena Pelegrinelli ; Alfieri, Alice Fernandes . A bovine teat papilloma specimen harboring Deltapapillomavirus (BPV-1) and Xipapillomavirus (BPV-6) representatives. Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso), v. 52, p. 87, 2009.

19.
7Claus, Marlise Pompeo2009Claus, Marlise Pompeo ; Lunardi, Michele ; Alfieri, Amauri Alcindo ; Otonel, Rodrigo Alejandro Arellano ; Sartori, Daniele ; Fungaro, Maria Helena Pelegrinelli ; Alfieri, Alice Fernandes . Multiple bovine papillomavirus infections associated with cutaneous papillomatosis in brazilian cattle herds. Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso), v. 52, p. 93, 2009.

20.
9Silva-Zacarias, Francielle Gibson da2009Silva-Zacarias, Francielle Gibson da ; Alfieri, Amauri Alcindo ; Spohr, Kledir Anderson Hofstaetter ; Lima, Bruna Azevedo de Carvalho ; Negrão, Fábio Juliano ; Lunardi, Michele ; Freitas, Julio Cesar de . Validation of a PCR Assay for Chlamydophila abortus rRNA gene detection in a murine model. Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso), v. 52, p. 99, 2009.

21.
6Silva-Zacarias, Francielle Gibson da2009Silva-Zacarias, Francielle Gibson da ; Alfieri, Amauri Alcindo ; Spohr, Kledir Anderson Hofstaetter ; Lima, Bruna Azevedo de Carvalho ; Oliveira, Rosângela Claret de ; Turilli, Carlo ; Lunardi, Michele ; Otonel, Rodrigo Alejandro Arellano ; Freitas, Julio Cesar de . Investigation of the possible role of Chlamydophila abortus in reproductive failures in nrazilian herds of domestic ruminants. Brazilian Archives of Biology and Technology (Impresso), v. 52, p. 107, 2009.

22.
10CLAUS, M2008 CLAUS, M ; LUNARDI, M ; ALFIERI, A ; FERRACIN, L ; FUNGARO, M ; ALFIERI, A . Identification of unreported putative new bovine papillomavirus types in Brazilian cattle herds. Veterinary Microbiology (Amsterdam. Print), v. 132, p. 396-401, 2008.

23.
11LUNARDI, M2008 LUNARDI, M; HEADLEY, S ; LISBOA, J ; AMUDE, A ; ALFIERI, A . Outbreak of acute bovine viral diarrhea in Brazilian beef cattle: Clinicopathological findings and molecular characterization of a wild-type BVDV strain subtype 1b. Research in Veterinary Science, v. 85, p. 599-604, 2008.

24.
14PILZ, D.2007PILZ, D. ; ALFIERI, A. F. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. A. . RT-PCR em pools de soros sangüíneos para o diagnóstico da infecção aguda e de animais persistentemente infectados pelo vírus da diarréia viral bovina.. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia (Online), v. 59, p. 1-7, 2007.

25.
12CLAUS, M. P.2007CLAUS, M. P. ; Vivian, D. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Análise filogenética de papilomavírus bovino associado com lesões cutâneas em rebanhos do Estado do Paraná.. Pesquisa Veterinária Brasileira, v. 27, p. 314-318, 2007.

26.
13CLAUS, M. P.2007CLAUS, M. P. ; ALFIERI, A. F. ; MÉDICI, K. C. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. A. . Bovine herpesvirus 5 detection by virus isolation in cell culture and multiplex-PCR in central nervous system from cattle with neurological disease in Brazilian herds.. Brazilian Journal of Microbiology, v. 38, p. 485-490, 2007.

Capítulos de livros publicados
1.
Alfieri, Amauri A. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. F. . Papillomaviridae. In: Eduardo Furtado Flores. (Org.). Virologia Veterinária - Virologia Geral e Doenças Víricas. 3aed.Santa Maria: UFSM, 2017, v. 1, p. 19-1133.

2.
Lunardi, Michele; Alcindo, Amauri ; Alejandro, Rodrigo ; Fernandes, Alice . Bovine Papillomaviruses Taxonomy and Genetic Features. Current Issues in Molecular Virology - Viral Genetics and Biotechnological Applications. 1ed.: InTech, 2013, v. , p. -.

3.
Alfieri, Amauri A. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. F. . Papillomaviridae. In: Eduardo Furtado Flores. (Org.). Virologia Veterinária - Virologia Geral e Doenças Víricas. 2aed.Santa Maria: UFSM, 2012, v. 1, p. 13-1007.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ALMEIDA, M. V. ; TAVARES, R. N. ; Lunardi, Michele . Prevalência de Leishmaniose em Felinos Atendidos no Hospital Veterinário da Universidade de Cuiabá. In: 8o Seminário de Iniciação Científica, 2017, Cuiabá. 8o Seminário de Iniciação Científica, 2017.

2.
BICA, D. L. C. ; Lunardi, Michele . Avaliação Molecular da Presença do Herpesvírus Bovino Tipo 1 (BoHV-1) no Sêmen de Touros do estado de Mato Grosso. In: 7o seminário de iniciação científica, 2016, Cuiabá. 7o seminário de iniciação científica, 2016.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, P. V. B. ; COSTA, S. R. ; BICA, D. L. C. ; OLIVEIRA, A. S. ; QUINTEIRO, R. C. ; Lunardi, Michele . Avaliação da excreção do vírus da diarreia viral bovina (BVDV) no sêmen de touros de rebanhos do estado de Mato Grosso por meio da RT-PCR. In: 18o Encontro de Atividades Científicas, 2015. 18o Encontro de Atividades Científicas, 2015.

2.
PERINOTTO, W. M. S. ; TOMA, H. S. ; MURARO, LÍVIA SAAB ; GALIZA, G. J. N. ; BOABAID, F. M. ; Lunardi, Michele ; SOUZA, A. O. . Surto de tripanossomíase em bovinos na cidade de Cuiabá ? MT: aspectos clínicos, laboratoriais e patológicos. In: 18o Encontro de Atividades Científicas, 2015. 18o Encontro de Atividades Científicas, 2015.

3.
LUNARDI, M.; DE ALCANTARA, B. K. ; OTONEL, RODRIGO ALEJANDRO ARELLANO ; RODRIGUES, W. B. ; Alfieri, A. F. ; Alfieri, Amauri A. . Bovine papillomavirus type 13 DNA in equine sarcoids. In: XXIV Congresso brasileiro de Virologia / XXIV Brazilian Congress of Virology e VIII Mercosur Meeting of Virology, 2013, Porto Seguro - BA. Anais do XXIV Congresso brasileiro de Virologia e VIII Encontro de Virologia do Mercosul, 2013.

4.
LUNARDI, M.; RODRIGUES, W. B. ; TOMA, H. S. ; Cabral, P.R.F. ; ALCÂNTARA, BRÍGIDA K. DE ; OTONEL, RODRIGO A. A. ; Alfieri, A. F. ; Alfieri, Amauri A. . Genotyping of Bovine Papillomavirus associated with skin warts in dairy cattle of Mato Grosso. In: XXIII Congresso Brasileiro de Virologia, 2012, Foz do Iguaçu. Virus Reviews and Research, 2012. v. 17. p. 108.

5.
ALCÂNTARA, BRÍGIDA K. DE ; LUNARDI, M. ; OTONEL, RODRIGO A. A. ; RODRIGUES, W. B. ; FLORENTINO, K. E. ; HEADLEY, SELWYN A. ; MOROTTI, F. ; Alfieri, A. F. ; Alfieri, Amauri A. . Identification of Papillomavirus in Equine Sarcoid and in healthy skin. In: XXIII Congresso Nacional de Virologia, 2012, Foz do Iguaçu. Virus Reviews and Research, 2012. v. 17. p. 106.

6.
LUNARDI, M.; Alfieri, Amauri Alcindo ; OTONEL, RODRIGO A. A. ; ALCÂNTARA, BRÍGIDA K. DE ; RODRIGUES, W. B. ; DE MIRANDA, ANTONIO BASILIO ; Alfieri, A. F. . Genetic characterization of a novel bovine papillomavirus member of the Deltapapillomavirus genus. In: XXIII Congresso Brasileiro de Virologia, 2012, Foz do Iguaçu. Virus Reviews and Research, 2012. v. 17. p. 17.

7.
TOZATO, C. C. ; LUNARDI, M . Phylogenetic analyses of bovine papillomavirus (BPV) of teat papillomas in Brazilian dairy cattle herds. In: XXII Encontro Nacional de Virologia e VI Encontro de Virologia do Mercosul, 2011, Atibaia - SP. Virus Reviews and Research, 2011. p. 258-258.

8.
Alcântara, B. K. ; LUNARDI, M . IDENTIFICATION OF BPV-1 AND BPV/BR-UEL4 STRAIN IN CASES OF EQUINE SARCOIDS IN BRAZIL. In: XXII Encontro Nacional de Virologia e VI Encontro de Virologia do Mercosul, 2011, Atibaia - SP. Virus Reviews and Research, 2011. p. 242-242.

9.
OTONEL, R. A. A. ; LUNARDI, M. ; DEZEN, S. ; GARDINALI, N. R. ; LEME, R. A. ; RIBEIRO, J. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Diversity of BVDV types in a Brazilian dairy cattle herd with persistently infected animals. In: XXVI World Buiatrics Congress 2010, 2010, Santiago. XXVI World Buiatrics Congress 2010, 2010.

10.
TOZATO, C. C. ; LUNARDI, M. ; OTONEL, R. A. A. ; ALFIERI, A. A. ; SANTIS, G. W. ; Alcântara, B. K. ; ALFIERI, A. F. . Teat Papillomatosis Associated with Recently Characterized BPV Types (BPV-7, -9, and -10) in Brazilian Cattle Herds. In: XXVI World Buiatrics Congress 2010, 2010, Santiago. XXVI World Buiatrics Congress 2010, 2010.

11.
DEZEN, S. ; OTONEL, R. A. A. ; LUNARDI, M. ; GARDINALI, N. R. ; RIBEIRO, J. ; LEME, R. A. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Bovine viral diarrhea infection profile in a highly productive Brazilian dairy cattle herd with. In: XXVI World Buiatrics Congress 2010, 2010, Santiago. XXVI World Buiatrics Congress 2010, 2010.

12.
LUNARDI, M.; CLAUS, M. P. ; OTONEL, R. A. A. ; TOZATO, C. C. ; Alcântara, B. K. ; ABDULACK-LOPES, F. ; ALFIERI, A. A. ; ALFIERI, A. F. . Bovine papillomavirus multiple and co-infections associated with cutaneous papillomatosis in Brazilian cattle herds. In: XX Encontro Nacional de Virologia, 2009, Brasília. Virus Reviews and Research. Rio de Janeiro: Imprinta Express LTDA, 2009. v. 14.

13.
TOZATO, C. C. ; LUNARDI, M. ; CLAUS, M. P. ; OTONEL, R. A. A. ; Alcântara, B. K. ; ABDULACK-LOPES, F. ; ALFIERI, A. A. ; ALFIERI, A. F. . Identification of two recently described bovine papillomavirus types (BPV-7 and -10) in teat papillomatosis observed in Brazilian cattle herds. In: XX Encontro Nacional de Virologia, 2009, Brasília. Virus: Reviews and Research, 2009. v. 14.

14.
OTONEL, R. A. A. ; ABDULACK-LOPES, F. ; LUNARDI, M. ; TOZATO, C. C. ; CLAUS, M. P. ; Alcântara, B. K. ; SANTIS, G. W. ; ALFIERI, A. A. ; ALFIERI, A. F. . Molecular identification of the canine oral papillomavirus through partial L1 gene amplification with a general PCR assay. In: XX Encontro Nacional de Virologia, 2009, Brasília. Virus: Reviews and Research, 2009. v. 14.

15.
LUNARDI, M; CLAUS, M. P. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Phylogenetic Position of an Unreported BPV Type Detected From a Cutaneous Lesion of a Brazilian Cattle Herd. In: XXV Jubilee World Buiatrics Congress, 2008, Budapeste. Oral and Poster Abstracts XXV Jubilee World Buiatrics Congress, 2008. v. 130. p. 102.

16.
CLAUS, M. P. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Previously Described BPV Types and Putative New Types in Cutaneous Papillomatosis from Brazilian Cattle Herds. In: XXV Jubilee World Buiatrics Congress, 2008, Budapeste. Oral and Poster Abstracts XXV Jubilee World Buiatrics Congress, 2008. v. 130. p. 102.

17.
LUNARDI, M.; HEADLEY, S. ; LISBOA, J. ; OTONEL, R. A. A. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Outbreak of Acute BVD in Brazilian Beef Cattle: Clinicopathological Findings and Molecular Characterization of a BVDV Strain Subtype 1b. In: XXV Jubilee World Buiatrics Congress, 2008, Budapeste. Oral and Poster Abstracts XXV Jubilee World Buiatrics Congress, 2008. v. 130. p. 107.

18.
CLAUS, M. P. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. A. ; Sartori, Daniele ; Fungaro, Maria Helena Pelegrinelli ; ALFIERI, A. F. . Bovine papillomavirus type 8: the new type of BPV, recently described in Asia and Europe, is also present in South America. In: XVIII Encontro Nacional de Virologia, 2007, Armação dos Búzios. Virus: Reviews and Research, 2007. v. 12.

19.
LUNARDI, M.; CLAUS, M. P. ; Vivian, D. ; ALFIERI, A. A. ; ALFIERI, A. F. . Phylogenetic analysis of bovine papillomaviruses associated with skin warts in cattle herds from the Paraná state. In: XVIII Encontro Nacional de Virologia, 2007, Armação dos Búzios. Virus: Reviews and Research, 2007. v. 12.

20.
AMUDE, A. M. ; Negrão, Fábio Juliano ; GARDINALI, N. R. ; ABDULACK-LOPES, F. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. A. ; ALFIERI, A. F. . Diagnosis of CDV infection by RT-PCR in dogs with nervous distemper presented without the conventional evidences of CDV infection. In: XVIII Encontro Nacional de Virologia, 2007, Armação dos Búzios. Virus: Reviews and Research, 2007. v. 12.

21.
AMUDE, A. M. ; Negrão, Fábio Juliano ; GARDINALI, N. R. ; ABDULACK-LOPES, F. ; LUNARDI, M. ; ALFIERI, A. A. ; ALFIERI, A. F. . Clinicopathological findings in dogs with nervous distemper presented without conventional signs of CDV infection. In: XVIII Encontro Nacional de Virologia, 2007, Armação dos Búzios. Virus: Reviews and Research, 2007. v. 12.

22.
LUNARDI, M.; ROMERO, G. H. ; CARVALHO, G. A. ; SILVA, T. B. ; Lima, Bruna Azevedo de Carvalho ; MÉDICI, K. C. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Isolamento e Caracterização de uma Estirpe Não Citopática do Vírus da Diarréia Viral Bovina em Feto Abortado. In: VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005, Búzios. VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005.

23.
ROMERO, G. H. ; LUNARDI, M. ; CARVALHO, G. A. ; SILVA, T. B. ; MÉDICI, K. C. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Mortalidade em Bovinos de Corte Associada à Infecção Aguda pelo Vírus da Diarréia Viral Bovina. In: VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005, Búzios. VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005.

24.
STIPP, D. T. ; TAKIUCHI, E. ; ROMERO, G. H. ; LUNARDI, M. ; CARVALHO, G. A. ; SILVA, T. B. ; MÉDICI, K. C. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Freqüência de Diagnóstico do Coronavírus Bovino por Semi Nested-PCR em Episódios de Diarréia Neonatal. In: VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005, Búzios. VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005.

25.
CUNHA, V. N. ; COSENZA, M. ; ROMERO, G. H. ; LUNARDI, M. ; Isernhagen, Allan Jürgen ; Borges, Alexandre Secorun ; Amorim, Rogério Martins ; FONTEQUE, J. H. ; ALFIERI, A. A. ; Lisbôa, Júlio Augusto Naylor . Diagnóstico da Encefalite Herpética por Meio da Técnica de PCR em Amostras do Encéfalo e de Líquor. In: VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005, Búzios. VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005.

26.
COSENZA, M. ; CUNHA, V. N. ; ROMERO, G. H. ; LUNARDI, M. ; Isernhagen, Allan Jürgen ; Borges, Alexandre Secorun ; Amorim, Rogério Martins ; FONTEQUE, J. H. ; ALFIERI, A. A. ; Lisbôa, Júlio Augusto Naylor . Aspectos Epidemiológicos da Encefalite por HVB-5 em Bovinos. In: VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005, Búzios. VI Congresso Brasileiro de Buiatria, III Encontro de Podólogos de Ruminantes do Mercosul, IV Congresso de Buiatria do Estado do Rio de Janeiro e I Congresso Regional de Pequenos Ruminantes, 2005.

27.
TAKIUCHI, E. ; STIPP, D. T. ; CARVALHO, G. A. ; LUNARDI, M. ; ROMERO, G. H. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Multiplex-Semi Nested-PCR, com Controle Interno, para a Detecção do Coronavírus Bovino em Fezes Diarréicas de Bezerros Naturalmente Infectados. In: XXIII Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2005, Santos. XXIII Congresso Brasileiro de Microbiologia, 2005.

28.
TAKIUCHI, E. ; STIPP, D. T. ; LUNARDI, M. ; ROMERO, G. H. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Detection of Bovine Coronavirus N Gene in Feces of Naturally Infected Calves by Reverse Transcription Nested PCR Assay. In: XV Encontro Nacional de Virologia, 2004, São Pedro. Virus: Reviews and Research, 2004. v. 9.

29.
LUNARDI, M.; ALFIERI, A. A. ; OLIVEIRA, D. B. ; ALFIERI, A. F. . Avaliação Sorológica da Infecção pelo BVDV em Rebanhos Bovinos não Vacinados da Região Norte do Estado do Paraná.. In: XII Encontro Anual de Iniciação Científica, 2003, Foz do Iguaçu. XII Encontro Anual de Iniciação Científica, 2003.

30.
LUNARDI, M.; MÉDICI, K. C. ; PILZ, D. ; ROMERO, G. H. ; CARVALHO, G. A. ; STIPP, D. T. ; FERREIRA, M. C. ; ALFIERI, A. F. ; ALFIERI, A. A. . Isolamento de uma Estirpe Não-Citopática do Vírus da Diarréia Viral Bovina de Fragmentos de Feto Abortado. In: XXV Ciclo de Palestras em Medicina Veterinária e III Mostra Acadêmica de Trabalhos Científicos em Medicina Veterinária, 2003, Londrina, 2003.

Artigos aceitos para publicação
1.
DAUDT, C. ; SILVA, F. R. ; Lunardi, Michele ; TRAVASSOS, C. B. D. ; WEBER, M. N. ; CIBULSKI, S. P. ; Alfieri, Alice Fernandes ; Alfieri, Amauri A. ; CANAL, C. W. . Papillomaviruses in ruminants: an update. TRANSBOUNDARY AND EMERGING DISEASES, 2018.

2.
Lunardi, Michele; DAROLD, GABRIELA MOLINARI ; Amude, Alexandre Mendes ; Headley, Selwyn Arlington ; SONNE, LUCIANA ; YAMAUCHI, KELLY CRISTIANE ITO ; BOABAID, FABIANA MARQUES ; ALFIERI, Alice Fernandes ; Alfieri, Amauri Alcindo . Canine distemper virus active infection in order Pilosa, family Myrmecophagidae, species Tamandua tetradactyla. VETERINARY MICROBIOLOGY, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
LUNARDI, M.. Bovine papillomavirus type 13 DNA in equine sarcoids. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
LUNARDI, M.. Genetic characterization of a novel bovine papillomavirus member of the Deltapapillomavirus genus. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
LUNARDI, M.. Genotyping of Bovine Papillomavirus associated with skin warts in dairy cattle of Mato Grosso. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
LUNARDI, M.. Bovine papillomavirus multiple and co-infections associated with cutaneous papillomatosis in Brazilian cattle herds. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
LUNARDI, M.. Avaliação molecular dos principais tipos de papilomavírus bovino envolvidos em neoplasias epiteliais e de mucosas em rebanhos bovinos de corte e leite. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
LUNARDI, M.. Phylogenetic analysis of bovine papillomaviruses associated with skin warts in cattle herds from the Paraná state. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
ALFIERI, Alice Fernandes; Lorenzetti, E.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Sarah Elizabeth Izzo Crespo. Caracterização Molecular do Gene L1 de um Provável Novo Tipo de Xipapilomavírus Bovino, Brasil. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

2.
CUNHA FILHO, L. F. C.; OKANO, W.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Maria Carolina Ricciardi Sbizera. Ocorrência de Anticorpos para o Vírus da Língua Azul em Rebanho de Ovinos no Estado do Paraná, Brasil. 2017. Dissertação (Mestrado em SAÚDE E PRODUÇÃO DE RUMINANTES) - Universidade Norte do Paraná.

3.
LUNARDI, M.; AMUDE, A. M.; AGUIAR, D. M.. Participação em banca de Gabriela Molinari Darold. Detecção Molecular de Paramixovírus em Gatos Domésticos de Cuiabá, Mato Grosso. 2017. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

4.
Alfieri, Amauri A.; LUNARDI, M.; FREIRE, R. L.. Participação em banca de Cesar Feronato. Desenvolvimento e Avaliação da Técnica de Nested-PCR para a Detecção do RNA do Senecavírus A em Leitões com Síndrome Multissistêmica Neonatal. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

5.
CUNHA FILHO, L. F. C.; LUNARDI, M.; OKANO, W.. Participação em banca de Patrícia Aparecida Matos de Oliveira. Pesquisa de Anticorpos anti-Brucella ovis no Estado do Paraná e Comparação das Técnicas de Diagnóstico IDGA e ELISA. 2016. Dissertação (Mestrado em SAÚDE E PRODUÇÃO DE RUMINANTES) - Universidade Norte do Paraná.

6.
FIGUEIREDO, E. E. S.; ROCA, R. O.; LUNARDI, M.; DUTRA, V.; SIGARINI, C. O.. Participação em banca de Greika Ferreira Moura. Listeria monocytogenes no processamento da carne de frango resfriada e congelada. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Federal de Mato Grosso.

7.
FIGUEIREDO, E. E. S.; LUNARDI, M.; SIGARINI, C. O.. Participação em banca de Elis Caroline Celestina dos Santos Soares. Ocorrência de Escherichia coli Produtora de Toxina Shiga (STEC) no Processamento da Carne Bovina. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Federal de Mato Grosso.

8.
LUNARDI, M.; Igarashi, M.; MELO, A. L. T.. Participação em banca de Simone Gonçalves da Silva Duarte. Detecção Molecular do Vírus da Hepatite E em Amostras de Fígado de Suínos Procedentes do Estado de Mato Grosso. 2016. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

9.
LUNARDI, M.; ARAUJO, J. V.; Igarashi, M.. Participação em banca de Jaqueline Aparecida Menegatti. Fauna Flebotomínica e Ocorrência de Leishmaniose Visceral Canina em Área de Baixa Condição Sócio-Econômica em Cuiabá, Mato Grosso. 2016. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

10.
LUNARDI, M.; Dos Santos, M.D.; Igarashi, M.. Participação em banca de Raphael Campos Quinteiro. Avaliação Molecular da Excreção do Herpesvírus Bovino Tipo 1 (BoHV-1) no Sêmen de Touros do Estado de Mato Grosso. 2016. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

11.
LUNARDI, M.; Dos Santos, M.D.; Igarashi, M.. Participação em banca de Patrick Rodrigues Fleury Cabral. Avaliação Molecular de Amostras de Fezes Diarreicas de Bezerros Quanto a Presença do Rotavírus e Coronavírus Bovinos. 2014. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

12.
Alfieri, Amauri A.; SILVA, L. C.; Lunardi, Michele. Participação em banca de Michel Rodrigues Baran. Avaliação da presença de herpesvírus bovino tipo 1 em amostras de sêmen provenientes de touros jovens. 2014. Dissertação (Mestrado em SAÚDE E PRODUÇÃO DE RUMINANTES) - Universidade Norte do Paraná.

13.
Alfieri, Amauri A.; LUNARDI, M.; BARREIROS, M. A. B.. Participação em banca de Brígida Kussumoto de Alcântara. Caracterização do DNA de Deltapapillomavirus bovino (BPV1, 2 e 13) em sarcoides equinos. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

14.
Colodel, E. M.; LUNARDI, M.; Nakazato, L.. Participação em banca de Raquel Aparecida Sales da Cruz. Caracterização molecular, clínica, patológica e econômica de um surto de mortalidade em bezerros por HoBi-like vírus, Brasil. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Mato Grosso.

15.
Pescador, C. A.; LUNARDI, M.; Souto, F. J. D.. Participação em banca de Marconni Victor da Costa Lana. Ocorrência de hepatite E em suínos criados em diferentes sistemas de produção. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Mato Grosso.

16.
Alfieri, Amauri A.; LUNARDI, M.; BARREIROS, M. A. B.. Participação em banca de Raquel de Arruda Leme. Detecção e caracterização molecular de Torque teno sus virus em rebanhos suinícolas brasileiros. 2013. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

Teses de doutorado
1.
ALFIERI, A. F.; Lorenzetti, E.; CLAUS, M. P.; Lunardi, Michele; OTONEL, R. A. A.. Participação em banca de Juliana Torres Tomazi Fritzen. Vigilância Epidemiológica dos Genótipos G (VP7) e P (VP4) de Rotavírus A em Rebanhos Bovinos Leiteiros Vacinados contra Rotavirose. 2018. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

2.
Alfieri, A. F.; LUNARDI, M.; Claus, Marlise P.; BARREIROS, M. A. B.; Lorenzetti, E.. Participação em banca de Brígida Kussumoto de Alcântara. Otimização de PCR em tempo real para detecção e quantificação do oncogene E6 de papilomavírus bovino em sarcóides equinos e neoplasias em bexigas de bovinos. 2017. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

3.
ALFIERI, A. A.; NAVARRO, I. T.; VILAS-BOAS, LAURIVAL ANTONIO; SILVA, L. C.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Thais Neris da Silva Medeiros. Diarréia Neonatal Bovina: Epidemiologia e Caracterização Molecular dos Genotipos G (VP7) e P (VP4) de Rotavírus Grupo A, Brasil, 2006-2015. 2016. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

4.
ALFIERI, A. F.; FONSECA, F. G.; LUNARDI, M.; Costa, M. C.; PEREIRA, U. P.. Participação em banca de Rodrigo Alejandro Arellano Otonel. Construção de VLPs (virus-like particles) a partir da proteína recombinante L1 de papilomavírus bovino tipo 2 em células de mamíferos por meio de vetor viral. 2015. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

5.
ALFIERI, A. A.; LUNARDI, M.; BARREIROS, M. A. B.; VILAS-BOAS, LAURIVAL ANTONIO; HEADLEY, S.. Participação em banca de Elis Lorenzetti. Análise Molecular de Cepas Incomuns de Rotavírus Suíno Grupo A. 2014. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

Qualificações de Doutorado
1.
AGUIAR, D. M.; PACHECO, R. C.; Igarashi, M.; LUNARDI, M.; MELO, A. L. T.. Participação em banca de Alice Mamede Costa Marques Borges. Dinâmica de Anticorpos Anti-Sarcocystis neurona, Neospora spp. e Toxoplasma gondii em Soros Pareados de Potros no Pantanal Mato-Grossense. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Mato Grosso.

2.
AGUIAR, D. M.; LUNARDI, M.; PERINOTTO, W. M. S.; Colodel, E. M.; DUTRA, V.. Participação em banca de Kledir Anderson Hofstaetter Spohr. Prevalência de Anemia Infecciosa Equina no Município de Rorainópolis, Roraima, Amazônia Setentrional Brasileira. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Mato Grosso.

Qualificações de Mestrado
1.
Headley, Selwyn Arlington; LUNARDI, M.; MELLO, C. A.. Participação em banca de Letícia Soares Vaz de Souza. Epidemiologia da Cisticercose Bovina em Matadouros Frigoríficos no Estado de Mato Grosso: 2008-2015. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

2.
YAMAUCHI, K. C. I.; AMUDE, A. M.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Aline Rezende dos Santos. Estudo Anatômico Descritivo do Sistema Ósseo de Araras do Gênero Ara por meio da Utilização de Técnicas Radiográficas. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

3.
LUNARDI, M.; MELO, A. L. T.; AMUDE, A. M.. Participação em banca de Gabriela Molinari Darold. Epidemiologia Molecular do Morbillivírus Felino em Gatos Domésticos em Cuiabá, Mato Grosso. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

4.
FIGUEIREDO, E. E. S.; LUNARDI, M.; SIGARINI, C. O.. Participação em banca de Elis Caroline Celestina dos Santos Soares. Ocorrência de Escherichia Coli Produtora de Toxina Shiga (STEC) no Processamento da Carne Bovina. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência Animal) - Universidade Federal de Mato Grosso.

5.
BOABAID, F. M.; MELO, A. L. T.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Tânia Ramos Silva Fonseca. Surto de Bócio em Bovinos no Estado de Mato Grosso. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

6.
LUNARDI, M.; ZANATTA, ROSANA; MELO, A. L. T.. Participação em banca de Simone Gonçalves da Silva Duarte. Avaliação Molecular do Vírus da Hepatite E em Amostras de Fígado de Suínos Procedentes de Diversas Regiões do Estado do Mato Grosso. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

7.
LUNARDI, M.; ZANATTA, ROSANA; TOMA, C. D. M.. Participação em banca de Raphael Campos Quinteiro. Avaliação Molecular da Excreção do Herpesvírus Bovino Tipo 1 (BoHV-1) no Sêmen de Touros do Estado de Mato Grosso. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

8.
YAMAUCHI, K. C. I.; LUNARDI, M.; ZANATTA, ROSANA. Participação em banca de Simone Moura Capelasso. Influência do Posicionamento Radiológico no Cálculo do Ângulo do Platô Tibial em Cães. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

9.
LUNARDI, M.; ZANATTA, ROSANA; PERINOTTO, W. M. S.. Participação em banca de Jaqueline Aparecida Menegatti. Fauna Flebotomínica e Ocorrência de Leishmaniose Visceral Canina na Localidade Pedra 90, Município de Cuiabá, Mato Grosso. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

10.
AMUDE, A. M.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Andrea Janaina de Mello. Uso da acupuntura e recursos fisioterapicos no tratamento de animais sequelados neurologicamente por cinomose. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

11.
AMUDE, A. M.; LUNARDI, M.; YAMAUCHI, K. C. I.. Participação em banca de Caetana Stuchi. Estudo Clinico-Epidemiológico de Botulismo em Cães de uma População Hospitalar do Centro Oeste do Brasil. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

12.
CAMARGO, A. M.; GUEDES, K. M. R.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Michele Henrique Antonio Bizo. Avaliação do Laser de Baixa Potência GA-AS na Fase Inflamatória de Feridas Cutâneas em Ratos. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

13.
LUNARDI, M.; CAMARGO, A. M.; YAMAUCHI, K. C. I.. Participação em banca de Patrick Rodrigues Fleury Cabral. Avaliação Molecular de Amostras de Fezes Diarreicas de Bezerros Quanto a Presença do Rotavírus e Coronavírus Bovinos. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

14.
Igarashi, M.; BENETTI, ANA HELENA; LUNARDI, M.. Participação em banca de Luciana Aparecida dos Santos. Avaliação Epidemiológica da Neosporose em uma População de Cães da Baixada Cuiabana - MT. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá.

15.
ALFIERI, Alice Fernandes; ALFIERI, A. A.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Thais Neris da Silva Medeiros. Análise do genoma completo de rotavírus G6P[5] isolado em um surto de diarreia neonatal em rebanho bovino de corte vacinado. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência Animal) - Universidade Estadual de Londrina.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
BUENO, M.; LUNARDI, M.; CARVALHO, M. C.. Participação em banca de Hernnann Faria Feliciano da Silva.Tétano em Equino. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

2.
Amude, Alexandre Mendes; LUNARDI, M.; PESSOA, F. J.. Participação em banca de Kethin Raianne Nunes.Síndrome da Disfunção Cognitiva Canina. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

3.
CAMARGO, A. M.; LUNARDI, M.; ROCHA, W. B.. Participação em banca de Sidônio Olino Costa Moraes.Morte Embrionária no Terço Inicial de Gestação. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

4.
BENETTI, ANA HELENA; AMUDE, A. M.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Raphael Rogger Vieira.Epidemiologia da Norovirose e Estudo do Potencial Zoonótico de Cães Domiciliados. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

5.
SCHEIN, F. B.; BOABAID, F. M.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Carlos Henrique Becker Ribeiro.Campilobacteriose Genital Bovina. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

6.
TOMA, H. S.; LUNARDI, M.; ZANATTA, ROSANA. Participação em banca de Everton Gatti Martinhão.Diagnóstico das Principais Doenças Reprodutivas em Vacas com o Auxílio da Ultrassonografia. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

7.
AMUDE, A. M.; LUNARDI, M.; BELOLI, I. G. C.. Participação em banca de John Beaumont.Monitoramento dos Parâmetros Clínicos de Animais Silvestres e Exóticos Saudáveis e Enfermos. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

8.
LEMOS, R. S.; ZANATTA, ROSANA; LUNARDI, M.. Participação em banca de Juliana Durigan Baia.Doença Periodontal em Cães: Revisão de Literatura. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

9.
BENETTI, ANA HELENA; CAMARGO, LÁZARO MANOEL; LUNARDI, M.. Participação em banca de Tatiana Dietrich Noetzold.Papilomatose Canina. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

10.
MURARO, LÍVIA SAAB; PERINOTTO, W. M. S.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Gabriela Molinari Darold.Aspectos Clínicos e Laboratoriais de Dois Gatos Naturalmente Infectados por Leishmania spp. Atendidos no Hospital Veterinário da Universidade de Cuiabá, MT. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

11.
ZANATTA, ROSANA; LEMOS, R. S.; LUNARDI, M.. Participação em banca de Ondina Fatini da Silva.Lipidose Hepática em Felinos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.

12.
PIMENTEL, L. A.; LUNARDI, M.; Spohr, Kledir Anderson Hofstaetter. Participação em banca de Tiago Marchioro.Botulismo Relacionado a Produção Animal. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
20o Encontro de Atividades Científicas.Encefalopatia Espongiforme Bovina. 2017. (Encontro).

2.
20o Encontro de Atividades Científicas.Consultoria ad hoc. 2017. (Encontro).

3.
19o Encontro de Atividades Científicas.Consultoria ad hoc. 2016. (Encontro).

4.
18o Encontro de Atividades Científicas.Consultoria ad hoc. 2015. (Encontro).

5.
XXIV Congresso brasileiro de Virologia. Bovine papillomavirus type 13 DNA in equine sarcoids. 2013. (Congresso).

6.
XX Encontro Nacional de Virologia. Bovine Papillomavirus Multiple and Co-infections Associated with Cutaneous Papillomatosis in Brazilian Cattle Herds. 2009. (Congresso).

7.
XVIII Encontro Nacional de Virologia. Phylogenetic Analysis of Bovine Papillomaviruses Associated with Skin Warts in Cattle Herds from the Parana State. 2007. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BENETTI, ANA HELENA ; MURARO, LÍVIA SAAB ; Lunardi, Michele ; BELOLI, I. G. C. ; Pinheiro, J. N. ; MELO, A. L. T. ; CAMARGO, LÁZARO MANOEL . VII Ciclovet (Ciclo de Palestras em Medicina Veterinária) e V Encontro de Pesquisa e Mostra Científica do Mestrado Acadêmico em Biociência Animal da UNIC. 2017. (Outro).

2.
BENETTI, ANA HELENA ; Pinheiro, J. N. ; MURARO, LÍVIA SAAB ; Lunardi, Michele ; BELOLI, I. G. C. ; CAMARGO, LÁZARO MANOEL . VI Ciclovet (Ciclo de Palestras em Medicina Veterinária) e IV Encontro de Pesquisa e Mostra Científica do Mestrado Acadêmico em Biociência Animal da UNIC. 2016. (Outro).

3.
CAMARGO, LÁZARO MANOEL ; BENETTI, ANA HELENA ; Pinheiro, J. N. ; LUNARDI, M. ; CAMARGO, A. M. ; DUARTE, S. G. ; YAMAUCHI, K. C. I. . V Ciclovet (Ciclo de Palestras em Medicina Veterinária) e III Encontro de Pesquisa e Mostra Científica do Mestrado Acadêmico em Biociência Animal da UNIC. 2015. (Outro).

4.
CAMARGO, LÁZARO MANOEL ; Pinheiro, J. N. ; YAMANAKA, A. R. ; LUNARDI, M. ; Dos Santos, M.D. . IV Ciclovet (Ciclo de Palestras em Medicina Veterinária) e I Encontro de Pesquisa e Mostra Científica do Mestrado Acadêmico em Biociência Animal da UNIC. 2014. (Outro).

5.
BENETTI, ANA HELENA ; Pinheiro, J. N. ; BELOLI, I. G. C. ; Lunardi, Michele ; CAMARGO, LÁZARO MANOEL . III Ciclovet (Ciclo de Palestras em Medicina Veterinária) e I Encontro de Pesquisa e Mostra Científica do Mestrado Acadêmico em Biociência Animal da UNIC. 2013. (Outro).

6.
LUNARDI, M.. II Simpósio de Pesquisa em Ciência Animal e V Mostra da Produção Científica da Pós-Graduação 2006/2007. 2007. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Laura Cristina de Araujo. Estudo da diversidade genética de cepas do vírus da cinomose canina identificadas a partir de cães atendidos no hospital veterinário da UNIC. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá. (Orientador).

2.
Káryta Maria de Lima Bezerra Bertti. Epidemiologia Molecular do Morbillivírus Felino e sua Associação com Doença Renal Crônica em Gatos Domésticos da Cidade de Cuiabá, Mato Grosso.. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Gabriela Molinari Darold. Detecção e caracterização molecular de paramixovírus em carnívoros silvestres. Início: 2017. Tese (Doutorado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá. (Orientador).

2.
Andréia Stragliotto Pires. Investigação Molecular do Circovírus e Poliomavírus em Aves Silvestres do Estado do Mato Grosso. Início: 2017. Tese (Doutorado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá. (Orientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
Glaucenyra Cecília Pinheiro da Silva. Início: 2017. Universidade de Cuiabá, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

Iniciação científica
1.
Patricia Alves da Silva. Diagnóstico por RT-PCR da Infecção pelo CDV em Cães Atendidos no Hospital Veterinário da UNIC. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá, FUNADESP. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Gabriela Molinari Darold. Detecção Molecular de Paramixovírus em Gatos Domésticos de Cuiabá, Mato Grosso. 2017. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michele Lunardi.

2.
Simone Gonçalves da Silva Duarte. Detecção Molecular do Vírus da Hepatite E em Amostras de Fígado de Suínos Procedentes do Estado de Mato Grosso. 2016. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, . Orientador: Michele Lunardi.

3.
Jaqueline Aparecida Menegatti. Fauna flebotomínica e soroprevalência para Leishmaniose visceral canina em área urbana na região central do Brasil. 2016. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, . Orientador: Michele Lunardi.

4.
Raphael Campos Quinteiro. Avaliação molecular da excreção do Herpesvírus Bovino tipo 1 (BoHV-1) no sêmen de touros do estado de Mato Grosso. 2016. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, . Orientador: Michele Lunardi.

5.
Sandro Ribeiro da Costa. Avaliação da Excreção do Vírus da Diarréia Viral Bovina (BVDV) no Sêmen de Touros de Rebanhos no Estado de Mato Grosso por Meio da RT-PCR. 2015. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Michele Lunardi.

6.
Déborah Evelyn Rocha Nunes. Detecção Molecular de Cryptosporidium spp em Amostras de Fezes de Bezerros de Corte no Estado de Mato Grosso. 2015. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, . Orientador: Michele Lunardi.

7.
Patrick Rodrigues Fleury Cabral. Identificação e Genotipagem de Cepas de Rotavírus Bovino no Grupo A em Fezes de Bezerros de Corte do Estado de Mato Grosso. 2014. Dissertação (Mestrado em Biociência Animal) - Universidade de Cuiabá, . Orientador: Michele Lunardi.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Caroline da Silva Rocha. Gastrenterite Hemorrágica Causada Pelo Parvovírus Canino: Revisão de Literatura. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá. Orientador: Michele Lunardi.

2.
Anna Paula Araújo Nascimento. Análise bibliográfica sobre tuberculose em bovinos, com ênfase de estudo em frigorífico da região. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá. Orientador: Michele Lunardi.

3.
Aline Bossa Perotto. Vírus da Imunodeficiência Felina e Vírus da Leucemia Felina. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá. Orientador: Michele Lunardi.

4.
Vilma Oliveira. Febre Maculosa Brasileira. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá. Orientador: Michele Lunardi.

5.
Mauro Gouveia de Moraes Filho. Rinotraqueíte Infecciosa Bovina (IBR). 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá. Orientador: Michele Lunardi.

Iniciação científica
1.
Moisés Vieira de Almeida. Investigação molecular de Leishmania spp. em gatos domésticos assintomáticos atendidos no Hospital Veterinário da Universidade de Cuiabá (UNIC). 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá, FUNADESP. Orientador: Michele Lunardi.

2.
Paulo Victor Braga de Almeida Santos. Viroses que interferem nas taxas de eficiência reprodutiva em rebanhos bovinos de corte: avaliação molecular da presença do BVDV no sêmen de touros no estado de Mato Grosso. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso. Orientador: Michele Lunardi.

3.
Daniel Lucas da Costa Bica. Avaliação Molecular da Presença do Herpesvírus Bovino Tipo 1 (BoHV-1) no Sêmen de Touros do estado de Mato Grosso. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Medicina Veterinária) - Universidade de Cuiabá, Fundação Nacional de Desenvolvimento do Ensino Superior Particular. Orientador: Michele Lunardi.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/10/2018 às 2:40:23