Adriana Leonhardt

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3002880447693688
  • Última atualização do currículo em 29/08/2018


Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e doutorado em Geociências (área Paleontologia) - Programa de Pós Graduação em Geociências - UFRGS. Atualmente é professora adjunta da Universidade Federal do Rio Grande (FURG) e professora permanente do PPG em Oceanografia Química, Física e Geológica - FURG. Tem experiência em paleoceanografia (utilizando cocolitoforídeos e isótopos de O) e em palinologia. Atua principalmente nos seguintes temas: Quaternário, paleoceanografia, paleoclima, paleovegetação. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Adriana Leonhardt
Nome em citações bibliográficas
LEONHARDT, A.;Leonhardt, Adriana

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Rio Grande, Instituto de Oceanografia, Núcleo de Oceanografia Geológica.
Fundação Universidade do Rio Grande
Carreiros
96203900 - Rio Grande, RS - Brasil - Caixa-postal: 474
Telefone: (53) 32336794


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2011
Doutorado em Geociências (área Paleontologia).
Programa de Pós Graduação em Geociências, PPG-GEO UFRGS, Brasil.
Título: Reconstituição paleoceanográfica no Atlântico Sudoeste com base em cocolitoforídeos durante o Quaternário tardio, Ano de obtenção: 2011.
Orientador: João Carlos Coimbra.
Coorientador: Felipe Antônio de Lima Toledo.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: paleoceanografia; Quaternário; cocolitoforídeos; Atlântico Sudoeste.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
2005 - 2007
Mestrado em Botânica.
Programa de Pós-Graduação em Botânica, PPG-BOT UFRGS, Brasil.
Título: Mudanças Vegetacionais e Climáticas no Planalto Leste do Rio Grande do Sul, Brasil, durante os últimos 25000 anos,Ano de Obtenção: 2007.
Orientador: Maria Luisa Lorscheitter.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2001 - 2005
Graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas.
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.


Pós-doutorado


2016 - 2016
Pós-Doutorado.
Universidad de Salamanca, USAL, Espanha.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra


Formação Complementar


2017 - 2017
Datação C-14 e ferramentas analíticas convencionais e isotópicas: Das Amost. (Carga horária: 12h).
Associação Brasileira de Estudos do Quartenário, ABEQUA, Brasil.
2017 - 2017
Introdução à Micropaleontologia Aplicada. (Carga horária: 8h).
Sociedade Brasileira de Paleontologia, SBP, Brasil.
2007 - 2007
Nanofósseis calcários do Quaternário da margem con. (Carga horária: 4h).
Sociedade Brasileira de Paleontologia, SBP, Brasil.
2005 - 2005
Epifitismo Vascular. (Carga horária: 8h).
Sociedade Botânica do Brasil - DF, SBB, Brasil.
2004 - 2004
Biologia e Conservação de Baleias, Botos e Golfinh. (Carga horária: 20h).
Grupo de Estudos de Mamíferos Aquáticos do Rio Grande do Sul, GEMARS, Brasil.
2004 - 2004
Árvores do Sul - Taxonomia. (Carga horária: 5h).
Sociedade Botânica do Brasil - DF, SBB, Brasil.
2004 - 2004
Pedologia para Botânicos: Viajando nos Substratos. (Carga horária: 8h).
Sociedade Botânica do Brasil - DF, SBB, Brasil.
2003 - 2003
Extensão universitária em Ecologia e Morfodinâmica de Praias Arenosas do RS. (Carga horária: 45h).
Departamento de Zoologia - Inst Biociências e CECO - Inst Geociências, UFRGS, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Rio Grande, FURG, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professora adjunta, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/2015 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Oceanografia, .

Cargo ou função
Membro da comissão de curso do PPG em Oceanografia Física, Química e Geológica.
08/2015 - Atual
Ensino, Oceanologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Paleontologia aplicada à Oceanografia
11/2012 - Atual
Ensino, Oceanografia Física, Química e Geológica, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
TE: Paleoceanografia e Paleoclimatologia
11/2012 - Atual
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Paleontologia Geral
04/2012 - Atual
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Geologia geral
09/2012 - 06/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Oceanografia, .

Cargo ou função
Membro da Câmara de Graduação, Extensão e Administração.
06/2012 - 09/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Oceanografia, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Graduação do Curso de Oceanologia.
12/2012 - 12/2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Oceanografia, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Pós-Graduação em Oceanografia Química, Física e Geológica.
04/2012 - 07/2014
Ensino, Tecnólogo em Gestão Ambiental, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Geologia aplicada à gestão ambiental

Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, UERGS, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Contrato, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 40

Atividades

11/2011 - 03/2012
Ensino, Tecnologia em Agroindústria, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Microbiologia
11/2011 - 03/2012
Ensino, Pedagogia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ciências naturais: anos iniciais
Educação, saúde e nutrição

Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Contrato, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2007 - 2011
Vínculo: Doutorado, Enquadramento Funcional: Bolsista CNPq, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Mestrado Acadêmico, Enquadramento Funcional: Bolsista CAPES, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2002 - 2005
Vínculo: Iniciação Científica, Enquadramento Funcional: Bolsista PIBIC/CNPq UFRGS, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Iniciação Científica, Enquadramento Funcional: Bolsista BIC/PROPESQ, Carga horária: 20

Atividades

03/2010 - 07/2011
Ensino, Geologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Paleontologia II
Paleontologia I
03/2010 - 07/2011
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Paleontologia aplicada à Biologia


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
PALEOPRODUTIVIDADE E MECANISMOS DE FERTILIZAÇÃO OCEÂNICA NA MARGEM CONTINENTAL SUL BRASILEIRA EM RESPOSTA ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS DO QUATERNÁRIO TARDIO
Descrição: Embora exista uma relação indiscutível entre o ciclo global do carbono e o estado do clima, as verdadeiras causas das flutuações observadas ao longo do Quaternário ainda são motivo de debate. Acredita-se que, na escala orbital, um dos mecanismos mais importantes para a modulação das flutuações na concentração de CO2 atmosférico seja o sequestro de carbono nos oceanos, através da sua fixação na fotossíntese e posterior fluxo de carbono orgânico para os sedimentos. Os fluxos de carbonato também constituem um fator importante no ciclo do carbono na escala orbital. Ao mesmo tempo, acredita-se que os fluxos de carbono orgânico para o fundo oceânico sejam facilitados pelo fluxo de carbonato de cocolitoforídeos e foraminíferos. O objetivo do presente projeto é compreender o padrão das mudanças da produtividade biológica e dos fluxos de carbono orgânico e carbonato na margem continental sul do Brasil em relação às mudanças climáticas do Quaternário tardio. Um dos principais focos do trabalho é a identificação dos diferentes mecanismos de fertilização e a resposta ambiental associada. Para isto, se prevê a análise do ponto de vista micropaleontológico, geoquímico, isotópico e sedimentológico de testemunhos coletados ao longo do talude continental da Bacia de Pelotas. Esta bacia foi escolhida devido à sua localização numa das áreas mais produtivas da margem ocidental do Atlântico Sul em função, principalmente, da fertilização pela Pluma do Rio da Prata. Além disso, a região se encontra muito próxima da Zona de Convergência Subtropical, altamente produtiva, a qual se acredita que tenha migrado latitudinalmente no passado em função das mudanças climáticas ocorridas durante o Quaternário. O conjunto de análises micropaleontológicas, geoquímicas, isotópicas e sedimentológicas permitirá reconstruir a paleotemperatura, paleossazonalidade e paleossalinidade superficiais em função de mudanças na composição isotópica e na fauna de foraminíferos planctônicos. Os isótopos de carbono em foraminíferos planctônicos e bentônicos fornecerão estimativas de mudanças da paleofertilidade superficial e da efetividade da bomba biológica. Variações na composição da flora de cocolitoforídeos servirão de base para estimar mudanças na profundidade da nutriclina (associada à abundância relativa de Florisphaera profunda) e variações de paleoprodutividade (?taxa N?). A análise de palinomorfos e das faunas de ostracodes e foraminíferos bentônicos também proverão estimativas de paleoprodutividade. No aspecto geoquímico, serão investigados o conteúdo de carbonato, de carbono orgânico, de nitrogênio e de biomarcadores nos sedimentos, também considerados proxies de produtividade e da origem da matéria orgânica e essenciais para o entendimento do ciclo do carbono. Análises sedimentológicas auxiliarão na definição de fácies, permitindo a exclusão da hipótese de um controle faciológico sobre a distribuição da fauna de organismos bentônicos. Desta forma, as mudanças na composição da fauna poderão ser atribuídas às condições tróficas do ambiente no passado. Os modelos de idade dos testemunhos serão construídos a partir da comparação do registro isotópico de oxigênio em foraminíferos bentônicos dos testemunhos com a curva global padrão (LR04) e datações absolutas por 14C em testas de foraminíferos planctônicos. Com base nos resultados obtidos, espera-se contribuir para o entendimento da relação entre as mudanças oceanográficas e climáticas e a produtividade biológica no sul da margem continental brasileira. Tais mudanças climáticas e oceanográficas incluem a intensidade dos ventos e a influência da Pluma do Rio da Prata durante o Quaternário tardio, incluindo momentos climáticos marcantes, como o Último Máximo Glacial e o Younger Dryas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2017
Fluxos de carbono orgânico e carbonato e a paleoprodutividade no sul da Margem Continental Brasileira durante o Quaternário tardio
Descrição: A paleoceanografia contribui para o entendimento das causas e consequências das mudanças no sistema climático como um todo. Um dos pontos chave neste entendimento é a relação entre o fluxo de carbono orgânico e de carbonato da superfície oceânica para os sedimentos, que pode modular a concentração de CO2 atmosférico. Outro ponto de interesse é a paleoprodutividade, pois fornece indícios sobre as variações oceanográficas e atmosféricas passadas, bem como da influência terrígena, e aumenta o fluxo de carbono orgânico e de carbonato (via cocolitoforídeos e foraminíferos). Neste projeto, propomos o estudo de testemunhos sedimentares coletados na plataforma e talude da Bacia de Pelotas, a partir de análises micropaleontológicas e geoquímicas. Pretende-se compreender o padrão das mudanças na produtividade biológica e dos fluxos de carbono orgânico e de carbonato da região em relação às mudanças climáticas do Quaternário tardio, relacionando-as a mudanças oceanográficas, na intensidade dos ventos ou na influência da Pluma do Rio da Prata. No aspecto micropaleontológico, as amostras serão investigadas principalmente em relação ao conteúdo de cocolitoforídeos e de palinomorfos. Espécies de cocolitoforídeos consideradas oportunistas respondem ao aumento de nutrientes na camada fótica, indicando o aumento de produtividade. Alguns palinomorfos, como os dinoflagelados, também podem ajudar a reconstituir este parâmetro. Já a presença de pólens e esporos nas amostras indica influência terrígena no ambiente marinho. No aspecto geoquímico, serão investigados o conteúdo de carbonato e carbono orgânico nos sedimentos, também considerados proxies para produtividade e importantes para o entendimento do ciclo do carbono. Os modelos de idade serão construídos a partir de análises isotópicas de oxigênio e datações absolutas por 14C em testas de foraminíferos. Com base nos resultados obtidos, espera-se contribuir para o entendimento da relação entre a produtividade biológica e mudanças oceanográficas e climáticas, na intensidade dos ventos ou na influência da Pluma do Rio da Prata durante o Quaternário tardio (incluindo momentos climáticos marcantes, como o Último Máximo Glacial e o Younger Dryas) no sul da margem continental brasileira..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Adriana Leonhardt - Coordenador / João Carlos Coimbra - Integrante / Maria Gómez Pivel - Integrante / Paula Camboim Dentzien Dias - Integrante / Robert Thunell - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2014 - Atual
Acoplamento bento-pelágico durante o Quaternário tardio no Atlântico Sul Ocidental de acordo com o registro de microfósseis calcários
Descrição: O acoplamento bento-pelágico tem sido relativamente bem documentado em diversas regiões sob as condições atuais. Contudo, relativamente pouca atenção tem sido dada a este processo no passado e à maneira em que o acoplamento fica registrado nos sedimentos. O objetivo geral do trabalho é compreender de que maneira o acoplamento bento-pelágico respondeu aos diferentes estados do clima do Quaternário tardio da margem continental sul brasileira e como isto afetou a mistura temporal no registro fóssil..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Adriana Leonhardt - Integrante / João Carlos Coimbra - Integrante / María Alejandra Gómez Pivel - Coordenador / Elírio Toldo Junior - Integrante / Dirce Pozebon - Integrante / Sandro Monticelli Petró - Integrante / Paulo Henrique Lemelle Fernandes - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2012 - 2014
O Atlântico Sudoeste nos últimos 130 mil anos conforme revelado pelas assembleias de cocolitoforídeos
Descrição: Os estudos paleoclimáticos são fundamentais para a compreensão da interação entre atmosfera e oceano, na tentativa de determinar causa e efeito. O objetivo geral deste projeto é aprofundar questões discutidas no doutorado da coordenadora, em especial nos últimos 130 mil anos, com vistas a uma aplicabilidade mais refinada dos cocolitoforídeos como proxy paleoceanográfico. Busca-se: relacionar os morfotipos de Gephyrocapsa e Emiliania huxleyi descritos ao MEV com as imagens obtidas ao microscópio óptico; utilizar os morfotipos de Gephyrocapsa e Emiliania huxleyi em pesquisas conduzidas ao microscópio óptico, se a correspondência com o MEV for possível e, assim, investigar os últimos 130 mil anos na Bacia de Campos, buscando informações sobre paleotemperatura e paleossalinidade; amostrar as espécies menos abundantes, buscando novos indicadores de mudanças oceanográficas ocorridas neste intervalo de tempo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Adriana Leonhardt - Coordenador / Felipe Toledo - Integrante / João Carlos Coimbra - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul - Auxílio financeiro.


Projetos de extensão


2014 - 2014
Projeto RONDON - Operação Catopê
Descrição: Ações realizadas no município de Pedras de Marias da Cruz, MG, nas áreas de cultura, direitos humanos e justiça, educação e saúde..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) .
Integrantes: Adriana Leonhardt - Integrante / Cristiane Barros Marcos - Coordenador.


Revisor de periódico


2014 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Paleontologia
2018 - Atual
Periódico: ACTA BOTANICA BRASILICA
2018 - Atual
Periódico: Italian Journal of Geosciences


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Paleoceanografia.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Palinologia.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Paleontologia Estratigráfica.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SILVEIRA, T. S.2017SILVEIRA, T. S. ; LEONHARDT, A. . Morphotypes of the Coccolithophore Gephyrocapsa as a proxy for sea surface temperature. Revista Brasileira de Paleontologia, v. 19, p. 367-378, 2017.

2.
GONÇALVES, JULIANA DE FREITAS2016GONÇALVES, JULIANA DE FREITAS ; Leonhardt, Adriana . Contribuição dos cocolitoforídeos para o aporte de carbonato de cálcio durante o Último Máximo Glacial na Margem Continental Sul Brasileira. Quaternary and Environmental Geosciences, v. 7, p. 1-5, 2016.

3.
LEONHARDT, A.2015 LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J. C. . The Mid-Brunhes event in the southwestern Atlantic Ocean: coccolithophore assemblages during the Mis 11-9. Revista Brasileira de Paleontologia, v. 18, p. 343-354, 2015.

4.
LEONHARDT, A.2013 LEONHARDT, A.; COIMBRA, J.C. ; TOLEDO, F. A. L. . The productivity history in the Southwestern Atlantic as inferred from coccolitophore record fot the last 130 kyr. Revista Brasileira de Paleontologia, v. 16, p. 361-374, 2013.

5.
Leonhardt, Adriana2010Leonhardt, Adriana; Lorscheitter, Maria Luisa . Pólen de Magnoliopsida (Asteridae) e Liliopsida do perfil sedimentar de uma turfeira em São Francisco de Paula, Planalto Leste do Rio Grande do Sul, Sul do Brasil. Revista Brasileira de Botânica (Impresso), v. 33, p. 381-392, 2010.

6.
LEONHARDT, A.;Leonhardt, Adriana2009 LEONHARDT, A.; Lorscheitter, Maria Luisa . The last 25000 years in the eastern Plateau of Southern Brazil according to Alpes de São Francisco record. Journal of South American Earth Sciences, v. 29, p. 454-463, 2009.

7.
LEONHARDT, A.;Leonhardt, Adriana2008LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Pólen de gimnospermas e angiospermas do perfil sedimentar de uma turfeira em São Francisco de Paula, Planalto Leste do Rio Grande do Sul, sul do Brasil. Revista Brasileira de Botânica (Impresso), v. 31, p. 645-658, 2008.

8.
LEONHARDT, A.;Leonhardt, Adriana2007LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Palinomorfos do perfil sedimentar de uma turfeira em São Francisco de Paula, Planalto Leste do Rio Grande do Sul, Sul do Brasil. Revista Brasileira de Botânica (Impresso), v. 30, p. 47-59, 2007.

Capítulos de livros publicados
1.
LEONHARDT, A.; Pivel, M.A.G. . Paleoprodutividade no Atlântico Sul durante o Quaternário Tardio. In: Ismar de Souza Carvalho; Maria Judite Garcia; Cecília Cunha Lana; Oscar Strohschoen Jr.. (Org.). Paleontologia: Cenários de Vida - Paleoclimas. 1ed.Rio de Janeiro: Interciência, 2014, v. 5, p. 551-560.

2.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . Uso de cocolitoforídeos em pesquisas paleoceanográficas do Quaternário. In: Ismar de Souza Carvalho; Narendra Kumar Srivastava; Oscar Strohschoen Jr; Cecília Cunha Lana. (Org.). Paleontologia: cenários de vida. 1ed.Rio de Janeiro: Interciência, 2011, v. 3, p. 455-464.

3.
LEONHARDT, A.; e outros . Modelo de risco ambiental para a área pertencente à Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) no Morro Santana, com vistas à implantação de uma Unidade de Conservação. In: Teresinha Guerra. (Org.). Conhecer para gerenciar: aspectos ambientais e sociais da bacia hidrográfica do lago Guaíba. Porto Alegre: Nova Prata, 2007, v. 1, p. 228-234.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, L. T. A. ; LEONHARDT, A. . Paleoprodutividade das águas superficiais em um intervalo glacial na Bacia de Pelotas. In: 16ª Mostra da Produção Universitária - FURG, 2017, Rio Grande. 16ª Mostra da Produção Universitária - FURG, 2017.

2.
Pivel, M.A.G. ; LEONHARDT, A. ; BONETTI, C. ; e outros . Projeto ?PALEOPRODUTIVIDADE E MECANISMOS DE FERTILIZAÇÃO OCEÂNICA NA MARGEM CONTINENTAL SUL-BRASILEIRA EM RESPOSTA ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS DO QUATERNÁRIO TARDIO?: Resultados do primeiro biênio. In: 2 Encontro CAPES/IODP, 2017, Camboriú. 2 Encontro CAPES/IODP, 2017.

3.
SILVEIRA, T. S. ; LEONHARDT, A. . Estudo dos morfotipos do gênero Gephyrocapsa (alga cocolitoforidea). In: XV Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA), 2015, Imbé. Anais da ABEQUA, 2015. p. 46-47.

4.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . Cocolitoforídeos e o ciclo do carbono no Atlântico Sudoeste durante o Quaternário tardio. In: XV Congresso da Associção Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA), 2015, Imbé. Anais da ABEQUA, 2015. p. 130-131.

5.
AVILA, A. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. . Descrições palinológicas de regiões de marismas, porção emersa da Bacia de Pelotas. In: XV Congresso da Associção Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA), 2015, Imbé. Anais da ABEQUA, 2015. p. 260-261.

6.
SCHWAMBORN, T. ; Pivel, M.A.G. ; UMLING, N. ; THUNNEL, R. ; LEONHARDT, A. . Late Quaternary sea surface temperature changes at the Southern Brazilian Continental Margin. In: XV Congresso da Associção Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA), 2015, Imbé. Anais da ABEQUA, 2015. p. 264-265.

7.
BAPTISTA, D. ; LEONHARDT, A. . Paleoceanografia do Quaternário tardio no sul da Margem Continental Brasileira: espécies subordinadas de cocolitoforídeos. In: XV Congresso da Associção Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA), 2015, Imbé. Anais da ABEQUA, 2015. p. 270-271.

8.
ROSA, T. ; LEONHARDT, A. . Análise do conteúdo de carbonato em estudos paleoceanográficos da Bacia de Pelotas. In: XV Congresso da Associção Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA), 2015, Imbé. Anais da ABEQUA, 2015. p. 274-275.

9.
GONCALVES, J. ; LEONHARDT, A. . Paleoprodutividade no sul da Margem Continental Brasileira durante o Quaternário tardio a partir de cocolitoforídeos. In: XV Congresso da Associção Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA), 2015, Imbé. Anais da ABEQUA, 2015. p. 306-307.

10.
AVILA, A. ; LEONHARDT, A. . Polens dos marismas da Laguna dos Patos (porção emersa da Bacia de Pelotas). In: 14ª Mostra da Produção Universitária - FURG, 2015, Rio Grande. Resumos da 14ª MPU, 2015.

11.
BAPTISTA, D. ; LEONHARDT, A. . PALEOCEANOGRAFIA DO QUATERNÁRIO TARDIO NO SUL DA MARGEM CONTINENTAL BRASILEIRA ATRAVÉS DE COCOLITOFORÍDEOS. In: 14ª Mostra da Produção Universitária - FURG, 2015, Rio Grande. Resumos da 14ª MPU, 2015.

12.
BAPTISTA, D. ; LEONHARDT, A. . USO DE COCOLITOFORÍDEOS EM ESTUDOS PALEOCEANOGRÁFICOS DO QUATERNÁRIO TARDIO NO ATLÂNTICO SUL. In: Mostra da Produção Universitária - FURG, 2014, Rio Grande. Resumos da 13ª MPU, 2014.

13.
AVILA, A. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. . PRODUÇÃO POLÍNICA DO MARISMA DA ILHA DA PÓLVORA, SUL DO RIO GRANDE DO SUL, BRASIL. In: Mostra da Produção Universitária - FURG, 2014, Rio Grande. Resumos da 13ª MPU, 2014.

14.
ROSA, T. ; LEONHARDT, A. . Análise do conteúdo de carbonato em estudos paleoceanográgicos na Bacia de Pelotas. In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2014, Itajaí. CD de Resumos do CBO 2014, 2014.

15.
AVILA, A. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. . GRÃOS DE POLEN E PRODUÇÃO POLÍNICA DO MARISMA DA ILHA DA PÓLVORA, SUL DO RIO GRANDE DO SUL, BRASIL. In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2014, Itajaí. CD de Resumos do CBO 2014, 2014.

16.
BAPTISTA, D. ; LEONHARDT, A. . IMPORTÂNCIA DAS ESPÉCIES SUBORDINADAS DE COCOLITOFORÍDEOS NA PALEOCEANOGRAFIA DO QUATERNÁRIO TARDIO ? EXEMPLO DA BACIA DE CAMPOS. In: Mostra da Produção Universitária - FURG, 2013, Rio Grande. Resumos da 12º MPU, 2013.

17.
AMBROSI, E. ; URBAN, C. ; DINIZ, D. P. ; LEONHARDT, A. . Paleoprodutividade e influência terrígena durante o Quaternário Tardio na Bacia de Pelotas. In: XXII Congresso de Iniciação Científica, 2013, Pelotas. Anais do XXII Congresso de Iniciação Científica, 2013.

18.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . Reconstituição paleoceanográfica no Atlântico Sudoeste com base em cocolitoforídeos durante os últimos 130 mil anos. In: XXII Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2011, Natal. Atas - XXII CBP - Paleontologia: caminhando pelo tempo, 2011. p. 421-424.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BOTTEZINI, S. R. ; LEONHARDT, A. ; DINIZ, D. . Influência do aporte continental registrada em um testemunho marinho no sul do Brasil: resultados preliminares. In: XVII Simposio Argentino de Paleobotánica y Palinología, 2018, Paraná, Argentina. Anais do XVII Simposio Argentino de Paleobotánica y Palinología, 2018.

2.
SANTOS, L. T. A. ; LEONHARDT, A. . Utilização de cocolitoforídeos na paleoprodutividade das águas superficiais em um intervalo glacial na Bacia de Pelotas. In: XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017, Bertioga. XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017.

3.
GONCALVES, J. ; LEONHARDT, A. ; SCHWAMBORN, T. . Paleoprodutividade e índices termohalinos das águas superficiais durante o Último Máximo Glacial na Margem Continental Sul Brasileira. In: XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017, Bertioga. XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017.

4.
LEONHARDT, A.; FLORES, J. . Aporte de carbonato ao fundo marinho no sul da Margem Continental Brasileira ? o papel dos cocolitoforídeos. In: XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017, Bertioga. XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017.

5.
LEONHARDT, A.; FLORES, J. ; TOLEDO, F. A. L. . Paleoceanografia no sul da Margem Continental Brasileira: insights sobre a paleoprodutividade e a circulação oceânica superficial. In: XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017, Bertioga. XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017.

6.
AVILA, A. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. . Descrição palinológica e identificação de potenciais indicadores de marismas no registro fóssil ? Lagoa dos Patos, Rio Grande/Brasil. In: XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017, Bertioga. XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário, 2017.

7.
AVILA, A. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. . Catálogo palinológico e identificação de potenciais espécies indicadoras de marismas no registro fóssil ? Lagoa dos Patos, Rio Grande do Sul/Brasil. In: Paleo RS, 2017, Rio Grande. Boletim de Resumos Paleo RS 2017, 2017.

8.
GONCALVES, J. ; SCHWAMBORN, T. ; LEONHARDT, A. . Indícios de ressurgência no cabo de Santa Marta durante o Último Máximo Glacial. In: Paleo RS, 2017, Rio Grande. Boletim de Resumos Paleo RS 2017, 2017.

9.
LEONHARDT, A.; BONETTI, C. . Influência da paleoprodutividade primária sobre a comunidade bentônica no sul da Margem Continental Brasileira. In: Paleo RS, 2017, Rio Grande. Boletim de Resumos Paleo RS 2017, 2017.

10.
LEONHARDT, A.; FLORES, J. ; TOLEDO, F. A. L. . Paleoprodutividade e aporte de carbonato ao fundo marinho no sul da Margem Continental Brasileira. In: Paleo RS, 2017, Rio Grande. Boletim de Resumos Paleo RS 2017, 2017.

11.
SANTOS, L. T. A. ; LEONHARDT, A. . Influência das águas de fundo sobre os cocólitos em um testemunho no Atlântico Sudoeste. In: Paleo RS, 2017, Rio Grande. Boletim de Resumos Paleo RS 2017, 2017.

12.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; FLORES, J. . Coccolithophore assemblages at the Southern Brazilian Continental Margin during the late Quaternary. In: 12º International Conference on Paleoceanography, 2016, Utrecht. 12º International Conference on Paleoceanography, 2016.

13.
SANTOS, L. T. A. ; Leonhardt, Adriana . Cocolitoforídeos e a paleoprodutividade das águas superficiais em um intervalo glacial na Bacia de Pelotas. In: 15ª Mostra da Produção Universitária - MPU FURG, 2016, Rio Grande. Anais da 15ª Mostra da Produção Universitária - MPU FURG, 2016.

14.
Pivel, M.A.G. ; LEONHARDT, A. ; BONETTI, C. ; e outros . 'PALEOPRODUTIVIDADE E MECANISMOS DE FERTILIZAÇÃO OCEÂNICA NA MARGEM CONTINENTAL SUL-BRASILEIRA EM RESPOSTA ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS DO QUATERNÁRIO TARDIO': Projeto e Resultados Preliminares. In: 1º Encontro CAPES/IODP, 2016, Natal. 1º Encontro CAPES/IODP, 2016.

15.
AVILA, A. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. . DESCRIÇÕES PALINOLÓGICAS DOS MARISMAS DA LAGUNA DOS PATOS, PORÇÃO EMERSA DA BACIA DE PELOTAS. In: XXIV Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2015, Crato. Anais do XXIV Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2015.

16.
SILVEIRA, T. S. ; LEONHARDT, A. . ESTUDO DOS MORFOTIPOS DO GÊNERO GEPHYROCAPSA (ALGA COCOLITOFORÍDEA). In: XXIV Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2015, Crato. Anais do XXIV Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2015.

17.
ROSA, T. ; LEONHARDT, A. . Conteúdo de carbonato em um testemunho sedimentar da Bacia de Pelotas, Quaternário tardio. In: XXIV Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2015, Crato. Anais do XXIV Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2015.

18.
BAPTISTA, D. ; LEONHARDT, A. . Espécies subordinadas de cocolitoforídeos no Quaternário tardio - bacias de Campos e de Pelotas. In: IV Simpósio Acadêmico de Biologia Marinha, 2014, Tramandaí. Livro de Resumos IV SABMAR, 2014. p. 13-13.

19.
AVILA, A. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. . Descrições Morfológicas e Produção Polínica do Marisma da Ilha da Pólvora, Rio Grande, RS, Brasil. In: PaleoRS, 2014, Candelária. Resumos da PaleoRS 2014, 2014.

20.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . The Mid-Brhunes event in the Southwest Atlantic Ocean: coccolithophore assemblages during the MIS 11-9. In: 11 International Conference on Paleoceanography, 2013, Sitges. Abstracts - 11 International Conference on Paleoceanography, 2013.

21.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. ; COIMBRA, J.C. . O EVENTO BRUNHES MÉDIO NO OCEANO ATLÂNTICO SUDOESTE: ASSEMBLÉIAS DE COCOLITOFORÍDEOS DURANTE OS EIMS 11-9. In: XXIII Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2013, Gramado. Boletim de Destaque em Paleontologia, 2013.

22.
BAPTISTA, D. ; LEONHARDT, A. . IMPORTÂNCIA DAS ESPÉCIES SUBORDINADAS DE COCOLITOFORÍDEOS NA PALEOCEANOGRAFIA DO QUATERNÁRIO TARDIO: EXEMPLO DA BACIA DE CAMPOS. In: XXIII Congresso Brasileiro de Paleontologia, 2013, Gramado. Boletim de Destaque em Paleontologia, 2013.

23.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . Reconstituição paleoceanográfica no Atlântico Sudoeste com base em cocolitoforídeos (440-140 mil anos). In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2012, Rio de Janeiro. CD de Resumos do CBO 2012, 2012.

24.
MARQUES, M. ; LEONHARDT, A. . Uso de gelatina glicerinada no preparo de amostras de cocolitoforídeos em sedimentos marinhos. In: 11ª Mostra da Produção Universitária - FURG, 2012, Rio Grande. Resumos 11ª MPU, 2012.

25.
LEONHARDT, A.; COIMBRA, J.C. ; TOLEDO, F. A. L. . Condições paleoceanográficas durante o Quaternário tardio na margem continental brasileira através de cocolitoforídeos e isótopos de carbono. In: Paleo RS, 2010, Porto Alegre. CD de Resumos - Paleo RS 2010, 2010.

26.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . Paleoprodutividade no Atlântico Sudoeste durante o Quaternário Tardio com base em algas cocolitoforídeas. In: XII Simpósio Brasileiro de Paleobotânica e Palinologia, 2008, Florianópolis. Boletim de Resumos XII SBPP, 2008. p. 114-114.

27.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . Resposta de cocolitoforídeos aos intervalos interglaciais/glaciais durante o Quaternário Tardio no Atlântico Sudoeste. In: Paleo RS, 2008, Porto Alegre. Livro de Resumos Paleo RS 2008, 2008.

28.
LEONHARDT, A.; TOLEDO, F. A. L. ; COIMBRA, J.C. . Variações no nanoplâncton calcário associadas a picos de temperatura da água superficial no Oceano Atlântico Sudoeste durante o estágio isotópico marinho 5. In: XI Congresso da ABEQUA, 2007, Belém do Pará. CD de Resumos do XI Congresso da ABEQUA, 2007.

29.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Palynology of Fungi, Algae, Bryophytes and Pteridophytes in the Sedimentary Profile of a Bog, Eastern Plateau of Rio Grande do Sul, Southern Brazil. In: XIII Simposio Argentino de Paleobotánica y Palinología, 2006, Bahía Blanca. Resúmenes, 2006. p. 98.

30.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Palinologia de gimnospermas e angiospermas no perfil sedimentar de uma turfeira, São Francisco de Paula, Planalto Leste do Rio Grande do Sul. In: 57º Congresso Nacional de Botânica, 13º Encontro Estadual de Botânicos e 5º Encontro Estadual de Herbários, 2006, Gramado. CD de Resumos 57º CNB, 2006.

31.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Catálogo Palinológico dos Últimos Milênios para a Região de São Francisco de Paula, Planalto Leste do Rio Grande do Sul. In: 56º Congresso Nacional de Botânica, 2005, Curitiba. CD de Resumos 56º CNB, 2005.

32.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Sucessão Vegetal em uma Turfeira do Planalto do Rio Grande do Sul, através da Palinologia de Sedimentos. In: 55º Congresso Nacional de Botânica e 26º Encontro Regional de Botânicos de MG, BA e ES, 2004, Viçosa. CD de Resumos 55º CNB, 2004.

33.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Informações sobre a Vegetação e Paleoambientes do Final do Pleistoceno e do Holoceno no Planalto Leste, RS.. In: XVI Salão de Iniciação Científica, 2004, Porto Alegre. Livro de Resumos do XVI Salão de Iniciação Científica, 2004. p. 450.

34.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Contribuição ao conhecimento dos paleoambientes do final do Pleistoceno e do Holoceno no Planalto Leste do sul do Brasil. In: XI Reunião de Paleobotânicos e Palinólogos, 2004, Gramado. Boletim de Resumos, 2004. p. 84.

35.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Estudo de Sucessão Vegetal dos Últimos Milênios no Planalto do Rio Grande do Sul, através da palinologia de sedimentos. In: XV Salão de Iniciação Científica, 2003, Porto Alegre. Livro de Resumos do XV Salão de Iniciação Científica, 2003. p. 443-444.

36.
LEONHARDT, A.; LORSCHEITTER, M. L. . Reconstituição Paleoambiental dos Últimos Milênios de uma Turfeira de São Francisco de Paula, Rio Grande do Sul. In: XIV Salão de Iniciação Científica, 2002, Porto alegre. Livro de Resumos do XIV Salão de Iniciação Científica, 2002. p. 435.

Apresentações de Trabalho
1.
LEONHARDT, A.. Paleoceanografia do Quaternário: o que os fósseis nos contam?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
LEONHARDT, A.; CHIESSI, C. M.; TOLEDO, F. A. L.. Participação em banca de Guilherme Augusto Pedrão. Padrões de distribuição dos cocolitoforídeos no oeste do Atlântico Sul e sua relação com os parâmetros ambientais. 2018. Dissertação (Mestrado em OCEANOGRAFIA) - Universidade de São Paulo.

2.
Leonhardt, Adriana; CALLIARI, L.; GOULART, E. S.; BAISCH, P.; FONTOURA, J. A. S.; ANGULO, R. J.. Participação em banca de Yuri Gomes Pinheiro. MORFODINÂMICA DO SEGMENTO LESTE DA ILHA DA TRINDADE. 2017. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

3.
LEONHARDT, A.; GOULART, E. S.; CALLIARI, L.; FIGUEIREDO, S. A.; TABAJARA, L. L.. Participação em banca de Catherine Elizabeth Fitzpatrick. Variabilidade das dunas frontais no litoral sul do RS. 2017. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

4.
DIAS, P. D.; LEONHARDT, A.; MARTINHO, C. T.; DINIZ, D.. Participação em banca de William Gonçalves Kubaski. Estratigrafia da Barreira III, na região de São José do Norte, Rio Grande do Sul. 2016 - PPG em Oceanografia Física, Química e Geológica da FURG.

5.
LEONHARDT, A.; NICOLODI, J. L.; MACHADO, M. I.; MILANELLI, J. C.. Participação em banca de Chayonn Marinho. Integração de parâmetros geomorfológicos e biológicos no desenvolvimento de uma proposta de Índice de Sensibilidade do Litoral (ISL). 2015. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

6.
LEONHARDT, A.; COSTA, K. B.; CARRENO, A. L.. Participação em banca de Sandro Monticelli Petró. Evolução paleoceanográfica e estratigrafia isotópica com foraminíferos planctônicos no Quaternário tardio da Bacia de Campos. 2014. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Geociências) - PPG em Geociências UFRGS.

Teses de doutorado
1.
ALBUQUERQUE, A. L. S.; KOCHHANN, K. G. D.; LEONHARDT, A.. Participação em banca de Sandro Monticelli Petró. Dissolução de foraminíferos quaternários do Atlântico Sul: da perda de CaCO3 ao ganho de informação paleoceanográfica. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-graduação em Geociências - área concentração Paleontologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

2.
LEONHARDT, A.; SARKIS, J.; GIROLDO, D.; MOLLER JR., O.; GARCIA, M.; MENDES, C. R.. Participação em banca de Pablo Santos Guimarães. Tapetes microbianos da Lagoa dos Patos (RS-Brasil): ocorrências, fatores meteorológicos relacionados e fixação de ntrogênio. 2015. Tese (Doutorado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

3.
MIRLEAN, N.; LEONHARDT, A.; DIAS, P. D.; TAGLIANI, C. R.; CORREA, I. C. S.. Participação em banca de Débora Diniz. Distribuição superficial de palinomorfos na região estuarina e plataforma continental interna do RS: implicações para reconstruções paleocliimáticas e paleoambientais durante o Holoceno. 2015. Tese (Doutorado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

4.
BAISCH, P.; MIRLEAN, N.; WALLNER-KERSANACH, M.; MACHADO, M. I.; LEONHARDT, A.. Participação em banca de Fabiane Bretanha Gutierrez. Estudo do material particulado atmosférico (PM 2,5) em áreas adjacentes a Laguna dos Patos em Rio Grande, RS. 2013. Tese (Doutorado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

Qualificações de Doutorado
1.
MIRLEAN, N.; MACHADO, I.; LEONHARDT, A.; BAISCH, P.. Participação em banca de Márcio Lobão. Marcadores Geoquímicos Aplicados à Oceanografia. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

2.
LEONHARDT, A.; BERGUE, C.; IANNUZZI, R.. Participação em banca de Sandro Petró. Dissolução de carbonato de cálcio pelágico em mar profundo e implicações paleoceanográficas. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Geociências) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

3.
LEONHARDT, A.; SARKIS, J.. Participação em banca de Pablo Guimarães. Fatores físicos, químicos e biológicos associados a ocorrência de tapetes de Lyngbya/Phormidium no estuário da Lagoa dos Patos (RS - Brasil). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande.

4.
LEONHARDT, A.; DIAS, P. D.; TAGLIANI, C. R.. Participação em banca de Débora Pimentel Diniz. Palinologia do Quaternário na Planície Costeira do RS. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado) - PPG em Oceanografia Química, Física e Geológica FURG.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Leonhardt, Adriana; DINIZ, D.; PINOTTI, R.; DIAS, P. D.. Participação em banca de Giovana Pedrol de Freitas.Descrição e inferências paleoecológicas dos icnofósseis Ophiomorpha encontrados ex situ no litoral do RS. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande.

2.
DIAS, P. D.; LEONHARDT, A.; DINIZ, D. P.. Participação em banca de Shani Garcia Sevilla.A influência do tuco-tuco (Ctenomys flamarioni) sobre as dunas frontais do extremo sul do Brasil. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande.

3.
LEONHARDT, A.; DIAS, P. D.; PIMENTEL, D.. Participação em banca de Mariane Candido.Distribuição superficial de palinomorfos na região adjacente ao estuário da Lagoa dos Patos, Bacia de Pelotas, Brasil. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande.

4.
LEONHARDT, A.; MACHADO, A.; NICOLODI, J.. Participação em banca de Alice Ioppi Casagrande.Variações na linha de costa do RS: atualização e discussão metodológica. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande.

5.
NICOLODI, J. L.; LEONHARDT, A.; FIGUEIREDO, S. A.. Participação em banca de Karoline Angélica Martins.Definição de ambientes quanto ao grau de exposição à energia hidrodinâmica no Lago Guaíba e Lagoa dos Patos no contexto do Índice de Sensibilidade Ambiental do Litoral (ISL). 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande.

6.
LEONHARDT, A.; Menegat, R.. Participação em banca de Sandro Monticelli Petró.Paleoceanografia do Quaternário Tardio da Bacia de Campos com base em foraminíferos planctônicos e isótopos estáveis. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geologia) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
DIAS, P. D.; LEONHARDT, A.; NICOLODI, J. L.. Seleção de professor substituto no Núcleo de Oceanografia Geológica. 2018. Universidade Federal do Rio Grande.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
XVII Simposio Argentino de Paleobotánica y Palinología. 2018. (Simpósio).

2.
2ª Reunião CAPES/IODP.Projeto ?PALEOPRODUTIVIDADE E MECANISMOS DE FERTILIZAÇÃO OCEÂNICA NA MARGEM CONTINENTAL SUL-BRASILEIRA EM RESPOSTA ÀS MUDANÇAS CLIMÁTICAS DO QUATERNÁRIO TARDIO?: Resultados do primeiro biênio. 2017. (Encontro).

3.
Paleo RS.Paleoprodutividade e aporte de carbonato ao fundo marinho no sul da Margem Continental Brasileira. 2017. (Encontro).

4.
XVI Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA). Aporte de carbonato ao fundo marinho no sul da Margem Continental Brasileira ? o papel dos cocolitoforídeos. 2017. (Congresso).

5.
12º International Conference on Paleoceanography. Coccolithophore assemblages at the Southern Brazilian Continental Margin during the late Quaternary. 2016. (Congresso).

6.
XV Congresso da Associação Brasileira de Estudos do Quaternário (ABEQUA). Cocolitoforídeos e o ciclo do carbono no Atlântico Sudoeste durante o Quaternário tardio. 2015. (Congresso).

7.
XXIV Congresso Brasileiro de Paleontologia. 2015. (Congresso).

8.
IV Simpósio Acadêmico de Biologia Marinha.Paleoceanografia do Quaternário: o que os fósseis nos contam?. 2014. (Simpósio).

9.
11 International Conference on Paleoceanography. The Mid-Brunhes event in the Southwest Atlantic Ocean: coccolithophore assemblages during the MIS 11-9. 2013. (Congresso).

10.
XXIII Congresso Brasileiro de Paleontologia. O EVENTO BRUNHES MÉDIO NO OCEANO ATLÂNTICO SUDOESTE: ASSEMBLÉIAS DE COCOLITOFORÍDEOS DURANTE OS EIMS 11-9. 2013. (Congresso).

11.
Congresso Brasileiro de Oceanografia. Reconstituição paleoceanográfica no Atlântico Sudoeste com base em cocolitoforídeos (440-140 mil anos). 2012. (Congresso).

12.
XXII Congresso Brasileiro de Paleontologia. Reconstituição paleoceanográfica no Atlântico Sudoeste com base em cocolitoforídeos durante os últimos 130 mil anos. 2011. (Congresso).

13.
Paleo RS.Condições paleoceanográficas durante o Quaternário tardio na margem continental brasileira através de cocolitoforídeos e isótopos de carbono. 2010. (Encontro).

14.
Paleo RS.Resposta de cocolitoforídeos aos intervalos interglaciais/glaciais durante o Quaternário Tardio no Atlântico Sudoeste. 2008. (Outra).

15.
XII Simpósio Brasileiro de Paleobotânica e Palinologia.Paleoprodutividade no Atlântico Sudoeste durante o Quaternário Tardio com base em algas cocolitoforídeas. 2008. (Simpósio).

16.
Quaternário RS - Integrando conhecimentos. 2007. (Oficina).

17.
XI Congresso da ABEQUA. Variações no nanoplâncton calcário associadas a picos de temperatura da água superficial no Oceano Atlântico Sudoeste durante o estágio isotópico marinho 5. 2007. (Congresso).

18.
XX Congresso Brasileiro de Paleontologia. 2007. (Congresso).

19.
57º Congresso Nacional de Botânica, 13º Encontro Estadual de Botânicos e 5º Encontro Estadual de Herbários. Palinologia de gimnospermas e angiospermas no perfil sedimentar de uma turfeira, São Francisco de Paula, Planalto Leste do Rio Grande do Sul. 2006. (Congresso).

20.
Florestas do Rio Grande do Sul. 2006. (Oficina).

21.
Simpósio Floresta de Araucária: ecologia, conservação e desenvolvimento sustentável. 2006. (Simpósio).

22.
56º Congresso Nacional de Botânica. Catálogo palinológico dos últimos milênios para a região de São Francisco de Paula, Planalto Leste do Rio Grande do Sul. 2005. (Congresso).

23.
55º Congresso Nacional de Botânica e 26º Encontro Regional de Botânicos de MG, BA e ES. Sucessão vegetal em uma turfeira do Planalto Leste do Rio Grande do Sul, através da palinologia de sedimentos. 2004. (Congresso).

24.
Jornada Acadêmica de Biologia. 2004. (Outra).

25.
XII Encontro Estadual de Botânicos e IV Encontro Estadual de Herbários. 2004. (Encontro).

26.
XI Reunião de Paleobotânicos e Palinólogos.Contribuição ao conhecimento dos paleoambientes do final do Pleistoceno e do Holoceno no Planalto Leste do sul do Brasil. 2004. (Outra).

27.
Ciclo de Debates "A UFRGS e o dia Internacional do Meio Ambiente". 2003. (Outra).

28.
III Conferência Municipal e Regional do Meio Ambiente. 2002. (Outra).

29.
V Encontro Gaúcho de Imunologia. 2001. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
DIAS, P. C. D. ; DINIZ, D. ; LEONHARDT, A. ; FRANCISCHINI, H. . Paleo RS. 2017. (Congresso).

2.
LEONHARDT, A.. XXIII Congresso Brasileiro de Paleontologia. 2013. (Congresso).

3.
LEONHARDT, A.. 57º Congresso Nacional de Botânica, 13º Encontro Estadual de Botânicos e 5º Encontro Estadual de Herbários. 2006. (Congresso).

4.
LEONHARDT, A.. XVI Salão de Iniciação Científica. 2004. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Andréia Ávila. Reconstituição paleoambiental a partir de análises palinológicas em um testemunhos da porção sul do cone do Rio Grande, Brasil. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande. (Orientador).

2.
Monica Duque Castaño. Uso da porosidade de carapaças de foraminíferos planctônicos como um proxy para paleotemperatura e salinidade. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Silvia Regina Bottezini. Paleoprodutividade e mecanismos de fertilização oceânica na margem continental sul brasileira em resposta às mudanças climáticas do Quaternário tardio. Início: 2017. Tese (Doutorado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande. (Orientador).

2.
Juliana Gonçalves. Cocolitoforídeos como moduladores climáticos durante o Quaternário tardio no Atlântico Sudoeste. Início: 2016. Tese (Doutorado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Laura Teles Apolônio Santos.. Influência das águas de fundo sobre os cocólitos em um testemunho no Atlântico Sudoeste. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Tarine Silveira Silveira. Estudo dos morfotipos do gênero Gephyrocapsa (alga cocolitoforídea). 2016. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Adriana Leonhardt.

2.
Juliana Gonçalves. Paleoprodutividade durante o Último Máximo Glacial na Margem Continental Sul Brasileira. 2016. Dissertação (Mestrado em Oceanografia Física, Química e Geológica) - Universidade Federal do Rio Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Adriana Leonhardt.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Matias Ritter. 2018. Universidade Federal do Rio Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Adriana Leonhardt.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Daniela Baptista. Paleoceanografia na Bacia de Pelotas durante o Quaternário tardio através de espécies subordinadas de cocolitoforídeos. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Orientador: Adriana Leonhardt.

2.
Andréia Ávila. Catálogo palinológico das marismas da Lagoa dos Patos, porção emersa da Bacia de Pelotas. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Orientador: Adriana Leonhardt.

3.
Annelise De Almeida Vetromile Lapuente Dos Santos. Contribuição ao estudo das turfas da Planície Costeira, Quaternário do Rio Grande do Sul: identificação polínica. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Geológica) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Adriana Leonhardt.

4.
Txai Mitt Schwamborn. Variação dos índices termohalinos das águas superficiais na Bacia de Pelotas durante o Último Máximo Glacial. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Orientador: Adriana Leonhardt.

5.
Emanuele Ambrosi. Produtividade e influência terrígena no Holoceno da Bacia de Pelotas. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Geológica) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Adriana Leonhardt.

Iniciação científica
1.
Bruno Santrovitsch da Silva. Paleoceanografia do Quaternário tardio na Margem Continental Sul-Brasileira. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, FURG. Orientador: Adriana Leonhardt.

2.
Vinicius Simeoni de Azevedo. Paleoceanografia do Quaternário tardio na Margem Continental Sul-Brasileira. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Adriana Leonhardt.

3.
Daniela Baptista. Paleoceanografia do Quaternário tardio na Margem Continental Sul-Brasileira. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa Institucional de Desenvolvimento do Estudante. Orientador: Adriana Leonhardt.

4.
Andréia Ávila. Palinologia na Planície Costeira do RS. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis. Orientador: Adriana Leonhardt.

5.
Raphael Amaral. Coleta de dados micropaleontológicos: palinologia e testemunhos marinhos. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Geografia) - Universidade Federal do Rio Grande. Orientador: Adriana Leonhardt.

6.
Tobias Rosa. Análise do conteúdo de carbonato em estudos paleoceanográgicos na Bacia de Pelotas. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, FURG. Orientador: Adriana Leonhardt.

7.
Laura Teles Apolonio Santos. Uso de cocolitoforídeos e trabalhos paleoceanográficos no Atlântico Sudoeste. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Oceanologia) - Universidade Federal do Rio Grande, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Adriana Leonhardt.

8.
Marcos Marques. Uso de gelatina glicerinada no preparo de amostras de cocolitoforídeos em sedimentos marinhos. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio Grande, Programa Institucional de Desenvolvimento do Estudante. Orientador: Adriana Leonhardt.

Orientações de outra natureza
1.
Josué Barcellos. Monitoria na disciplina Geologia Geral. 2017. Orientação de outra natureza. (Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio Grande. Orientador: Adriana Leonhardt.

2.
Annelise De Almeida Vetromile Lapuente Dos Santos. Técnicas em micropaleontologia - estágio supervisionado. 2016. Orientação de outra natureza. (Engenharia Geológica) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Adriana Leonhardt.

3.
Emanuele Ambrosi. Técnicas em micropaleontologia - estágio supervisionado. 2013. Orientação de outra natureza. (Engenharia Geológica) - Universidade Federal de Pelotas. Orientador: Adriana Leonhardt.



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
LEONHARDT, A.. Paleoceanografia do Quaternário: o que os fósseis nos contam?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LEONHARDT, A.. XVI Salão de Iniciação Científica. 2004. (Outro).

2.
LEONHARDT, A.. XXIII Congresso Brasileiro de Paleontologia. 2013. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/10/2018 às 8:42:49