Michelle Regina Lemos Klautau

Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq - Nível 1D

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7866700606716431
  • Última atualização do currículo em 28/11/2018


é bacharel em Biologia Marinha pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1990), mestre em Biologia Celular e Molecular pela Fundação Oswaldo Cruz (1993) e doutora em Ciências Biológicas (Genética) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1998). É Professora Associada da UFRJ e está credenciada no programa de pós-graduação em Biodiversidade e Biologia Evolutiva do Instituto de Biologia da UFRJ. Tem experiência nas áreas de Biologia Marinha e Zoologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Taxonomia, Filogenia, Sistemática Molecular, Ecologia e Reprodução de Porifera. Foi coordenadora do Programa de Pós-graduação em Biodiversidade e Biologia Evolutiva do Instituto de Biologia da UFRJ de abril de 2013 a março de 2015 e membro do Steering Committee do World Register of Marine Species (WoRMS) de agosto de 2013 a agosto de 2016. É editora de Calcarea do World Porifera Database (WPD - WoRMS) e editora de Porifera da revista Zootaxa . (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Michelle Regina Lemos Klautau
Nome em citações bibliográficas
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Rio de Janeiro, Instituto de Biologia - Departamento de Zoologia.
Av. Brigadeiro Trompowski - CCS - Instituto de Biologia - Departamento de Zoologia - Bloco A - Laboratório de Biologia de Porifera
Ilha do Fundão
21941-590 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 25626551
URL da Homepage: http://www.ufrj.br


Formação acadêmica/titulação


1996 - 1998
Doutorado em Ciências Biológicas (Genética).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Estruturação gênica e cosmopolitismo em esponjas marinhas, Ano de obtenção: 1998.
Orientador: Antonio Mateo SoléCava.
Palavras-chave: Genética marinha; Cosmopolitismo; Especiação; Esponjas; Porifera; Sistemática alfa.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Pesca, Aqüicultura e Maricultura.
1991 - 1993
Mestrado em Biologia Celular e Molecular.
Fundação Oswaldo Cruz, FIOCRUZ, Brasil.
Título: Estabelecimento e caracterização de culturas de células de esponjas marinhas,Ano de Obtenção: 1993.
Orientador: Radovan Borojevic.
Palavras-chave: Porifera; Esponjas; Cultura de células; Clathrina; Polymastia; Invertebrado.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Pesca, Aqüicultura e Maricultura.
1986 - 1990
Graduação em Ciências Biológicas.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.




Formação Complementar


2013 - 2013
Workshop Intensivo Publicase: escrevendo o artigo. (Carga horária: 40h).
Publicase Comunicação Científica, PCC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Associado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

05/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Biologia, .

Cargo ou função
Presidente da Comissão de Pós-graduação e Pesquisa do Instituto de Biologia/ UFRJ.
05/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Biologia, .

Cargo ou função
Membro da Comissão do PPGBBE.
01/2011 - Atual
Ensino, Biodiversidade e Biologia Evolutiva, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Técnicas de Laboratório
8/2002 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Biologia - Departamento de Zoologia, .

08/2002 - Atual
Ensino, Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Espongologia
Introdução à Sistemática Molecular
Zoologia I
12/2005 - 12/2016
Ensino, Ciências Biológicas (Zoologia), Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Princípios de Sistemática Molecular
04/2013 - 03/2015
Direção e administração, Instituto de Biologia, .

Cargo ou função
Coordenadora do Programa de Pós-graduação em Biodiversidade e Biologia Evolutiva.
03/2013 - 02/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria, Centro de Ciências da Saúde.

Cargo ou função
Membro da Comissão PIBIC.
03/2011 - 02/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Biologia, .

Cargo ou função
Membro da Comissão do PPGBBE.
10/2005 - 09/2007
Direção e administração, Instituto de Biologia - Departamento de Zoologia, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.

Centro Federal de Educação Tecnológica de Química, CEFETEQ, Brasil.
Vínculo institucional

1995 - 2002
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

7/1995 - 8/2002
Ensino,

Disciplinas ministradas
Bioquímica
Técnicas de Análises Bioquímicas
7/1997 - 8/1997
Treinamentos ministrados , Unidade Rio de Janeiro, Coordenadoria de Biotecnologia.

Treinamentos ministrados
II Curso de Atualização em Biologia Celular e Molecular para Professores de Segundo Grau da Rede Estadual (duração de 80 horas)
7/1996 - 7/1996
Treinamentos ministrados , Unidade Rio de Janeiro, Coordenadoria de Biotecnologia.

Treinamentos ministrados
Curso de Atualização em Biologia Celular e Molecular para Professores de Segundo Grau da Rede Estadual (duração de 80 horas)

Museu Nacional do Rio de Janeiro, MNRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Credenciada na pós-graduação, Carga horária: 20
Outras informações
Professora credenciada no curso de pós-graduação em Ciências Biológicas, modalidade Zoologia.

Atividades

12/2004 - Atual
Ensino, Pós-graduação em Ciências Biológicas, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Sistemática Molecular

Museum National D'histoire Naturelle Paris, MNHN, França.
Vínculo institucional

1993 - 1993
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Mestre de Conferências, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Responsável pela implantação de um laboratório de cultura de células de esponjas.

Atividades

5/1993 - 6/1993
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratoire de Chimie Laboratório de Química, .


The Natural History Museum London, NHM, Inglaterra.
Vínculo institucional

1998 - 1999
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora visitante, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Pesquisadora colaboradora do departamento de Zoologia de Invertebrados, laboratório de Porifera (taxonomia de Calcarea).

Atividades

10/1998 - 9/1999
Pesquisa e desenvolvimento , Invertebrates I, Department Of Zoology.



Linhas de pesquisa


1.
Cultura de células de esponjas (produtos naturais)

Objetivo: Estabelecer a manutenção de células de esponjas marinhas in vitro..
Grande área: Ciências Biológicas
Palavras-chave: Porifera; Cultura de células.
2.
Revisão do gênero Clathrina (Porifera, Calcarea)

Objetivo: Revisar as espécies do gênero Clathrina..
Grande área: Ciências Biológicas
Palavras-chave: Porifera; Taxonomia; Calcarea.
3.
Biologia de Porifera

Objetivo: Estudar a reprodução, ciclo de vida, recrutamento e desenvolvimento de esponjas, além de aspectos da ecologia desses animais..
Grande área: Ciências Biológicas
Palavras-chave: Porifera; Estrutura clonal; Morfologia; Recrutamento; Ecologia; Reprodução.
4.
Biodiversidade de Porifera

Objetivo: Estudar a biodiversidade de esponjas marinhas da classe Calcarea a partir de metodologias morfológicas e moleculares. Temos estudado esponjas calcárias de toda a costa brasileira e também de diferentes partes do mundo..
Grande área: Ciências Biológicas
Palavras-chave: Porifera; Taxonomia; Calcarea; Biodiversidade; Sistemática molecular.
5.
Sistemática de Porifera (Calcarea)

Objetivo: Revisar os gêneros da classe Calcarea e reconstruir suas filogenias a partir de metodologias morfológicas e moleculares..
Grande área: Ciências Biológicas
Palavras-chave: Porifera; Calcarea; Filogenia; Sistemática molecular.
6.
Sistemática Molecular

Objetivo: Os marcadores moleculares têm sido usados no nosso laboratório para resolver principalmente questões relativas à taxonomia e filogenia de esponjas da classe Calcarea. Além disso, essas técnicas têm sido empregadas também em estudos populacionais..
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Animal / Especialidade: Genética Marinha.
Palavras-chave: Sistemática molecular; Porifera.
7.
Genética de populações de Porifera

Objetivo: A partir de ferramentas morfológicas e moleculares avaliar a conectividade entre populações de esponjas, grau de estruturação etc..
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Animal / Especialidade: Genética Marinha.
Palavras-chave: Porifera; Genética marinha; Sistemática molecular.


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Marine biodiversity and chemodiversity patternsfrom MARtinique toRIO de Janeiro: sponges as study models
Descrição: The agreement document to create the LIA MARRIO has been signed by all parties in June 2016 (September 2015 by Brazilian side). The first four-years contract helped to revitalize that historic collaboration between France and Brazil through the mobility of researchers and students between the two founding countries of the LIA, and joint participation in campaigns for acquiring samples, in workshops or in thematic schools. Such mobility could be achieved through several funding sources. Our scientific project is a logical continuation of the previous. Among the partners of the LIA MARRIO, PhD theses have started on the themes presented in the first four years contract and several sampling campaigns, including PACOTILLES, generated a sponge collection that will be the focus of our work over the coming years. However, with the entry of new teams, new approaches or scientific issues will be introduced in our research project. The emergence of Omics, and mainly of NGS approaches, is currently revolutionizing molecular microbiology offering the opportunity to answer many scientific questions that require large numbers of samples from large spatial scales. The study of prokaryotic diversity patterns will allow to test the assumptions of coevolution or to study the contribution of microbial communities to adaptive processes to live in "extreme environments" (Theme 1, case of submarine caves, for example). Applied to sponge larvae, these approaches will also permit studies on the transmission mechanisms of symbionts from adult to larvae and, applied to adults subject to different environmental regimes, they will allow the identification of potential shifts in community composition, with in some cases the emergency of pathogens (theme 2). Moreover, one of our partners will be entirely dedicated to better understand the role of symbionts in the biosynthesis of secondary metabolites (theme 3). Another extension of our field of investigation will aim to better understand the ecological functions of secondary metabolites. Indeed, marine chemical ecology is likely to contribute to the understanding of ecological processes governing the organization and functioning of marine ecosystems. But the molecules produced by marine organisms have been studied mainly for their biological activity and their possible applications. The most studied are the functions of defense against predators, opportunistic organisms fouling and pathogenic microorganisms. There remains much to learn about the functions of chemical mediators in marine ecosystems, the method of transmission of chemical information, possibly remotely, or action on the behaviour and / or physiology of other organisms. This will be done under the theme 3, through a PhD thesis which has just started, and probably one or two others that will start during the next contract. This will determine the role of secondary metabolites produced by organisms established in the structuring and functioning of benthic ecosystems. We will study the chemical processes of mediation in the benthic communities (theme 3). Specifically, we will try to determine if the "fragrant bouquet" or "chemical landscape" conditioned by a benthic community can influence the behaviour of vagil fauna, and how changes in the biodiversity of sponges can affect the functioning of this chemical mediation..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Mestrado acadêmico: (15) / Doutorado: (12) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Guilherme Muricy - Integrante / Eduardo Hajdu - Integrante / Antonio SoléCava - Integrante / Cristiano Lazoski - Integrante / Nicole BouryEsnault - Integrante / Emílio de Lanna Neto - Integrante / Fernanda Correia Azevedo - Integrante / Gisele Lôbo Hajdu - Integrante / Fernando Moraes - Integrante / Fernanda Fernandes Cavalcanti - Integrante / Carla Zilberberg - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante / Ulisses Pinheiro - Integrante / Philippe Willenz - Integrante / Thiago Silva de Padua - Integrante / Eduardo Leal esteves - Integrante / Roberto Berlinck - Integrante / Thierry Pérez - Integrante / Alexander Ereskovsky - Integrante / Jean Vacelet - Integrante / Cristiane Hardoim - Integrante / Marinella Laport - Integrante / César Ruiz - Integrante / Olivier P. Thomas - Integrante.Financiador(es): Centre National de la Recherche Scientifique - Auxílio financeiro.
2016 - 2016
II Workshop LIA MARRIO
Descrição: O evento consiste em um workshop cujo objetivo é a discussão dos resultados obtidos até o momento pelos participantes do Laboratório Internacional Associado (LIA) franco-brasileiro MARRIO. Esse laboratório é coordenado por mim (Michelle Klautau) e pelo Dr. Thierry Pérez (CNRS e Universidade de Marselha) e tem a participação de diversos pesquisadores e alunos brasileiros e franceses, além de colaboradores de outras nacionalidades. São signatários do LIA MARRIO a UFRJ, a UERJ, o Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS), a Université d'Aix-Marseille, a Université d'Avignon et des Pays de Vaucluse, o Institut de Recherche pour le Developpement e a Université de Nice Sophia-Antipolis. Vários projetos financiados pela FAPERJ, CAPES, CNPq, CNRS e COFECUB estão vinculados ao LIA MARRIO, cujo objetivo principal é estudar as esponjas do Caribe e do Brasil (até o Rio de Janeiro) a fim de conhecer sua biodiversidade, distribuição, endemismo, conectividade entre populações (a fim de avaliar o papel dos rios Amazonas e Orinoco como barreiras ao fluxo gênico), quimiodiversidade e microbiota. O início desse projeto internacional ocorreu em dezembro de 2013 na Martinica, com o I Workshop MARRIO, onde discutimos como seria o andamento do projeto, divisão de tarefas, expedições etc. O II Workshop MARRIO visa discutir os resultados obtidos até o momento e, a partir de então, formular novos objetivos para as próximas etapas do projeto, incluindo novas parcerias..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Biodiversidade, biogeografia e conectividade de populações brasileiras e caribenhas de esponjas marinhas (Porifera, Calcarea).
Descrição: Por várias décadas, as relações faunísticas entre o Brasil e o Caribe têm sido discutidas. Alguns autores já consideraram as duas áreas como uma única província biogeográfica, a Província Caribenha, enquanto outros reconheceram províncias independentes, uma vez que os rios Amazonas e Orinoco poderiam agir como barreiras à dispersão das espécies. A proposta mais recente, de Spalding e colaboradores (2007), considera o Brasil e o Caribe como províncias independentes e divide o Brasil em três províncias. No entanto, para tentar compreender os limites entre essas províncias é necessário conhecer bem a biodiversidade e o fluxo gênico entre populações brasileiras e caribenhas e esse conhecimento ainda é muito precário para diversos grupos. O filo Porifera é um modelo muito interessante para esse tipo de estudo por se tratar de um dos grupos dominantes de organismos bentônicos tanto no Brasil quanto no Caribe, por serem sésseis e interagirem intimamente com a coluna d'água, uma vez que filtram essa água permanentemente. No entanto, ele está incluído entre os grupos cuja diversidade ainda é muito pouco conhecida, principalmente no que tange à classe Calcarea. Assim, o objetivo do presente projeto é estudar a diversidade e distribuição de Calcarea desde o Rio de Janeiro até o Caribe, utilizando ferramentas morfológicas, moleculares e químicas, e avaliar a conectividade entre populações brasileiras e caribenhas. O presente projeto faz parte de um projeto maior no âmbito do Laboratório Internacional Associado ?MARRIO?, que reúne especialistas franceses e brasileiros e que abrange todo o filo Porifera..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Fernanda Correia Azevedo - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante / Báslavi Condor - Integrante / Thierry Pérez - Integrante / Olivier Thomas - Integrante / Bárbara Ribeiro Gomes - Integrante / Viviane Campos da Silva Nunes - Integrante / Tayara Caroline Fontana dos Santos - Integrante / Thayane da Rosa Silva - Integrante / Taynara dos Santos Louzada - Integrante / Raísa Campos Rizzieri - Integrante / Pedro Leocorny - Integrante.
2016 - Atual
Padrões de biodiversidade marinha da MARtinica ao RIO de Janeiro: esponjas como modelo de estudo.
Descrição: Por várias décadas, as relações faunísticas entre o Brasil e o Caribe têm sido discutidas. Alguns autores já consideraram as duas áreas como uma única província biogeográfica, a Província Caribenha, enquanto outros reconheceram províncias independentes, uma vez que os rios Amazonas e Orinoco poderiam agir como barreiras à dispersão de várias espécies. O filo Porifera é um dos grupos dominantes de organismos bentônicos tanto no Brasil quanto no Caribe, no entanto, sua diversidade ainda é muito pouco conhecida para que possamos ter um real conhecimento do compartilhamento de fauna entre essas duas regiões. Conhecer a diversidade e distribuição de espécies é de extrema importância tanto do ponto de vista conservacionista como de exploração de recursos naturais e as esponjas são não apenas excelentes bioindicadores da saúde ambiental como excelentes fontes de novos medicamentos. Dentre as esponjas, a classe Calcarea é a que apresenta o menor número de taxonomistas e, aparentemente, a diversidade mais subestimada. Assim, o objetivo do presente projeto é estudar a diversidade de Calcarea no Brasil e no Caribe, utilizando ferramentas morfológicas, moleculares e químicas, e avaliar a conectividade entre o Brasil e o Caribe. Será gerada uma lista de espécies e será avaliada a conectividade entre populações de duas espécies amplamente distribuídas no Brasil e no Caribe. Mapas de distribuição e análises de endemismo também serão feitos. O presente projeto faz parte de um projeto maior no âmbito do Laboratório Internacional Associado ?MARRIO?, que reúne especialistas franceses e brasileiros..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Fernanda Correia Azevedo - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante / Claudia Augusta de Moraes Russo - Integrante / Thierry Pérez - Integrante / Olivier Thomas - Integrante / Bárbara Ribeiro Gomes - Integrante / Pedro Victor Leocorny Ferreira - Integrante / Báslavi Cóndor-Luján - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2014 - 2017
Padrões de biodiversidade e quimiodiversidade marinha da MARtinica ao RIO de Janeiro: esponjas como modelo de estudo
Descrição: Por várias décadas, as relações faunísticas entre o Caribe e o Brasil têm sido discutidas. Alguns autores já consideraram as duas áreas como uma única província biogeográfica, a Província Caribenha, enquanto outros reconheceram províncias independentes, uma vez que os rios Amazonas e Orinoco poderiam agir como barreiras à dispersão de várias espécies. Sabe-se que há espécies que mantêm ampla conectividade entre o Caribe e Brasil, ao passo que outras são restritas a uma ou outra região. É possível que essa diferença na capacidade de dispersão deva-se ao habitat dessas espécies (críptico ou exposto) e não a um efeito de barreira (e.g. Amazonas). Além disso, as esponjas são conhecidas por serem as maiores produtoras de compostos bioativos com interesse farmacológico e a falta de estudos sobre esses animais impede sua explotação nesse sentido. Assim, os objetivos gerais do presente projeto são: fazer um levantamento da biodiversidade de Porifera no Brasil e no Caribe, delimitando zonas de endemismo e padrões biogeográficos; avaliar geneticamente a conectividade entre populações brasileiras e caribenhas, avaliando se há correlação entre habitat e capacidade de dispersão; estudar a reprodução de espécies amplamente distribuídas; e verificar a presença de possíveis compostos bioativos com interesse farmacológico nas espécies mais abundantes, a partir de estudos de metabolômica padronizada para avaliar a diversidade química..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Guilherme Muricy - Integrante / Eduardo Hajdu - Integrante / Nicole BouryEsnault - Integrante / Fernanda Correia Azevedo - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante / Roberto Berlinck - Integrante / Báslavi Condor - Integrante / Thierry Pérez - Integrante / Alexander Ereskovsky - Integrante / Jean Vacelet - Integrante / Olivier Thomas - Integrante / Bárbara Ribeiro Gomes - Integrante / Pedro Victor Leocorny Ferreira - Integrante / César Augusto Ruiz Pinzón - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Cooperação.
2014 - Atual
(Projeto MBQMar) QUALIFICAÇÃO DE PESSOAL EM MAPEAMENTO DE BIODIVERSIDADE E QUIMIODIVERSIDADE MARINHA NO ATLÂNTICO TROPICAL OCIDENTAL ? esponjas como modelo de estudo, das Antilhas ao Rio de Janeiro e do entremarés à zona batial

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Eduardo Carlos Meduna Hajdu em 13/05/2014.
Descrição: O projeto MBQMar reúne equipes interdisciplinares de importantes universidades do país, lideradas pela UFRJ e UERJ. Estas equipes vêm atuando de forma integrada no âmbito de iniciativas diversas, às quais recentemente agregou-se o Laboratório Internacional Associado MARRIO, formado por pesquisadores brasileiros e franceses, e que juntamente com o MBQMar, poderá impulsionar o estudo integrativo da biodiversidade e quimiodiversidade de poríferos no Atlântico Tropical Ocidental. O estudo da biodiversidade produzirá mapas de distribuição e endemismo, e avaliará a conectividade entre poríferos brasileiros e caribenhos. O foco do projeto em inovação se reflete no uso de um verdadeiro «arsenal tecnológico» para elucidar questões primordiais do mapeamento de recursos vivos e suas potenciais aplicações biotecnológicas. A caracterização de espécies fará uso não somente de microscopia óptica e eletrônica, mas também de sequenciamento de RNA e DNA mitocondrial, e de HPLC-DAD-ELSD-MS (cromatografia líquida de alto desempenho, associada à detecção de arranjo de fotodiodos, detecção evaporativa de espalhamento de luz e espectroscopia de massa). Espécies bem caracterizadas permitirão mais facilmente a detecção de complexos. Avançaremos assim o conhecimento acerca da real diversidade biológica em mãos, e viabilizaremos foco mais preciso e maior repetibilidade de estudos bioprospectivos, através de uma melhor compreensão da variabilidade intraespecífica em escala temporal, geográfica e batimétrica. Este melhor foco e maior eficiência em bioprospecção será alcançado com a abordagem integrativa do fingerprinting metabólico, que se usará paralelamente ao protocolo tradicional do fracionamento guiado por bioensaios. As assinaturas químicas obtidas na forma de metabolomas constituirão um banco de dados que auxiliará a derreplicação de estudos químicos, e uma biblioteca de caracteres quimiossistemáticos, que se utilizará na abordagem taxonômica integrativa. Além dos bolsistas diretos do projeto, a formação de recursos humanos especializados agregará também alunos com bolsas obtidas nas seleções regulares de ingresso nos programas de pós-graduação apoiadores desta proposta, bem como pós-doutorandos (PNPD, PDJ)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Integrante / Guilherme Muricy - Integrante / Eduardo Hajdu - Coordenador / Cristiano Lazoski - Integrante / Fernanda Correia Azevedo - Integrante / Gisele Lôbo Hajdu - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante / Báslavi Condor - Integrante / Bárbara Ribeiro Gomes - Integrante / Pedro Victor Leocorny Ferreira - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.
2013 - 2016
Patrons de biodiversité et chimiodiversité marine de la MARtinique à RIO de Janeiro: les éponges comme modèle d?étude
Descrição: Este projeto permitirá o desenvolvimento das atividades científicas do Laboratório Internacional Associado (LIA) MARRIO, criado por iniciativa do CNRS (IMBE) e da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Esse LIA é formado por uma equipe de especialistas em sistemática, biologia e ecologia evolutiva de esponjas, reconhecidos mundialmente pela sua competência. Assim, tornamos agora institucional uma antiga colaboração, responsável pela formação do grupo brasileiro de esponjólogos. O grupo brasileiro é atualmente um dos mais produtivos do mundo no estudo de esponjas e tem muita similaridade, mas também complementaridade com o grupo francês. Em comparação com as colaborações anteriores, este projeto de LIA é claramente interdisciplinar, combinando duas equipes de químicos especialistas em produtos naturais marinhos e em metabolômica marinha e de esponjas. Esse consórcio permitirá a continuação dos esforços que visam promover a taxonomia integrativa e ecologia química marinha. Os participantes do LIA pretendem desenvolver aspectos teóricos e práticos do estudo da biologia de organismos marinhos, ecologia evolutiva, ecologia química e química de produtos naturais marinhos, tendo as esponjas como modelo. Trata-se também de enfrentar novos desafios relativos à evolução das classificações, aos avanços nos estudos de filogenia dos metazoários e, particularmente, das mudanças constantes da sistemática de esponjas. Nenhum laboratório marinho do CNRS é formalmente instalado no Atlântico Ocidental Tropical, onde será desenvolvido o presente projeto. Além disso, embora o laboratório proponente do CNRS (IMBE) já tenha desenvolvido numerosos trabalhos científicos, nenhum deles é relacionado ao ambiente marinho (Martinica). O LIA é, portanto, uma forma de se consolidar a posição do CNRS no meio marinho nessa parte do mundo, a partir de uma sólida rede de colaboradores. Objetiva-se então fazer a partir de um pólo franco-brasileiro, a força maior desse espaço marinho para o estudo de padrões de biodiversidade entre o Atlântico Sul e o Caribe. Este projeto fornecerá um ambiente científico de alto nível para estudantes e gestores ambientais envolvidos no projeto científico ou nas diferentes atividades pedagógicas planejadas, com a finalidade de preparar a geração de amanhã. As aulas e workshops previstos permitirão que os especialistas acompanhem os trabalhos dos participantes, sejam eles trabalhos de pesquisa científica ou estratégias de gestão do meio marinho. De acordo com as nossas experiências anteriores, é esperado que as reuniões regulares de biólogos, ecólogos e químicos criem um dinâmica que levará à criação de vários outros programas de pesquisa internacionais. O programa de pesquisa proposto visa melhorar o conhecimento da biodiversidade de esponjas marinhas do Caribe, a partir da exploração de ambientes relativamente desconhecidos: cavernas submarinas e montes submarinos. Esses ambientes permitem que se teste os efeitos de diferentes níveis de fragmentação do habitat na estruturação de populações ou seu grau de conectividade e suas conseqüências evolutivas nas populações e nos fenômenos de especiação. Além disso, os conhecimentos adquiridos com o LIA destinam-se a ser compartilhados com gestores ambientais, de forma a promover a criação de áreas marinhas protegidas em regiões de alto endemismo. Finalmente, um produto importante do LIA será também a criação de um banco de dados colaborativo acessível aos promotores do projeto e também ao público em geral (mergulhadores, professores, gestores etc.). O projeto é coordenado por Michelle Klautau pelo lado brasileiro e por Thierry Pérez pelo lado Francês..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Guilherme Muricy - Integrante / Eduardo Hajdu - Integrante / Antonio SoléCava - Integrante / Cristiano Lazoski - Integrante / Nicole BouryEsnault - Integrante / Fernanda Correia Azevedo - Integrante / Carla Zilberberg - Integrante / Gisele Lôbo-Hajdu - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante / Roberto Berlinck - Integrante / Báslavi Condor - Integrante / Thierry Pérez - Integrante / Alexander Ereskovsky - Integrante / Pierre Chevaldonné - Integrante / Jean Vacelet - Integrante / Olivier Thomas - Integrante / Bárbara Ribeiro Gomes - Integrante / Pedro Victor Leocorny Ferreira - Integrante.Financiador(es): Centre National de la Recherche Scientifique - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2013 - 2016
Padrões de biodiversidade marinha da MARtinica ao RIO de Janeiro: esponjas como modelo de estudo.
Descrição: Por várias décadas, as relações faunísticas entre o Caribe e o Brasil têm sido discutidas. Alguns autores já consideraram as duas áreas como uma única província biogeográfica, a Província Caribenha, enquanto outros reconheceram províncias independentes, uma vez que os rios Amazonas e Orinoco poderiam agir como barreiras à dispersão de várias espécies. Apesar do pouco conhecimento acerca da diversidade de esponjas Calcareas no Caribe e no Brasil, há espécies que parecem apresentar distribuição restrita em um ou outro local, ao passo que outras parecem ter ampla distribuição, ocorrendo desde o caribe até o Brasil. Uma vez que esses animais vivem em ambientes crípticos e protegidos ou iluminados e expostos, levantamos a hipótese de que talvez as espécies com habitat mais críptico sejam aquelas que apresentam distribuição mais fragmentada e, consequentemente, populações mais estruturadas. A fim de testar essa hipótese, vamos avaliar a conectividade entre populações de duas espécies consideradas amplamente distribuídas no Caribe e no Brasil e que vivem em ambientes protegidos ou expostos. Além de aumentarmos o conhecimento da diversidade de Calcarea no Caribe e no Brasil, avaliaremos se o habitat de uma espécie pode ser mais importante na sua distribuição do que uma barreira física como o Amazonas e o Orinoco. O presente projeto faz parte de um projeto maior no âmbito do Laboratório Internacional Integrado ?MARRIO?, que reúne especialistas franceses e brasileiros..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Fernanda Correia Azevedo - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante / Báslavi Condor - Integrante / Thierry Pérez - Integrante / Pedro Victor Leocorny Ferreira - Integrante / Malena Carvalho da Costa - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2013 - 2016
ALORRECONHECIMENTO E FORMAÇÃO DE QUIMERAS EM ESPONJAS CALCAREAS (PORIFERA, CALCAREA)

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Márcio Reis Custódio em 13/06/2013.
Descrição: Um dos requisitos básicos para a aquisição da multicelularidade é a capacidade de reconhecimento de componentes próprios ao indivíduo. No entanto, a fusão entre indivíduos ou colônias de animais marinhos sésseis parece ter sido justamente a solução encontrada por esses organismos para superar a falta de substrato nesse ambiente. Essa fusão pode ocorrer mesmo entre indivíduos geneticamente diferentes, levando à formação de quimeras, o que parece um contraponto com relação à evolução no sentido do alorreconhecimento. Esponjas são representantes atuais dos primeiros organismos que atingiram um grau de organização multicelular. Nesse grupo, a formação de quimeras já foi detectada e, recentemente, utilizada como justificativa para explicar a grande variabilidade genética das esponjas aliada a uma alta estruturação populacional. No presente projeto, utilizando ferramentas moleculares (microssatélites) e morfológicas (marcadores fluorescentes), analisaremos a possibilidade de formação de quimeras em esponjas calcareas, se existe um tempo de desenvolvimento para sua alomaturidade e qual é a contribuição da mutação somática nesses animais. Por último, avaliaremos também uma possível correlação entre a forma do corpo (amorfa ou definida) e sua maior ou menor capacidade de fusão e, talvez, de formação de quimeras. Este estudo trará resultados originais que permitirão uma melhor compreensão dos mecanismos de reconhecimento em esponjas e de sua dinâmica e relações com a forma do corpo, podendo trazer novas informações sobre a evolução da multicelularidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Integrante / Marcio Custodio - Coordenador / André Queiroz de Padua - Integrante / Bernard Degnan - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2011 - 2013
Biodiversidade molecular de populações de invertebrados marinhos em unidades de conservação do Estado do Rio de Janeiro
Descrição: O ambiente marinho costeiro tem sofrido com o acentuado impacto humano causado pela poluição e pela degradação física do litoral. Com o intuito de mitigar os efeitos deletérios deste impacto, foram criadas áreas de proteção e unidades de conservação marinhas. Entretanto, é preciso conhecer as populações naturais e avaliá-las, não apenas quanto à sua riqueza e densidade, mas também com relação à sua diversidade genética. O estudo dessa diversidade por meio de marcadores com alta variabilidade, tais como microssatélites, é capaz de avaliar tanto a variabilidade existente dentro das populações como a conectividade entre elas. Neste projeto, propomos avaliar a diversidade genética de sete espécies de invertebrados marinhos de grupos taxonômicos distintos: a esponja Clathrina aurea, o coral Mussismillia hispida, o poliqueta Eurythoe complanata, a ostra Crassostrea gasar, o cirripédio Megabalanus vesiculosus, a lagosta Scyllarides deceptor e a estrela-do-mar Echinaster (Othilia) brasiliensis. Esta avaliação será efetuada a partir da análise de microssatélites em três unidades de conservação na costa do Estado do Rio de Janeiro: Armação dos Búzios, Arraial do Cabo e Angra dos Reis. O conhecimento da biodiversidade molecular obtido para as sete espécies permitirá uma avaliação, a longo prazo, das conseqüências e da abrangência espacial das referidas áreas de proteção ambiental. Os resultados obtidos também serão úteis para a determinação do status de conservação das populações de invertebrados marinhos e para a elaboração de estratégias de conservação para a manutenção de altos níveis de diversidade genética..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Integrante / Cristiano Lazoski - Integrante / Paulo César de Paiva - Coordenador / Renato Ventura - Integrante / Carla Zilberberg - Integrante / Jaqueline Gusmão - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
2009 - 2012
Conectividade entre populações de invertebrados marinhos de águas rasas do Arquipélago de São Pedro e São Paulo e da Costa Brasileira.
Descrição: Avaliar qual o papel do ASPSP na biogeografia marinha do Atlântico Sul e como esta ilha oceânica se conecta biologicamente com a costa brasileira e, num contexto científico mais amplo, no papel do mar profundo como barreira a dispersão de invertebrados marinhos de águas rasas. O reconhecimento do grau de estruturação das populações de invertebrados marinhos rasos do ASPSP também é importante para se avaliar a sua biodiversidade, seja ela específica ou molecular. Esta avaliação se dará através de táxons de diferentes grupos como poliquetas, equinodermos, poríferas e uma espécie de crustáceo (lagosta-de-espinhos). A análise de grupos com estratégias reprodutivas e histórias de vida muito distintas, permitirá uma melhor avaliação da conectividade já que, como foi citado acima, grupos marinhos diferentes apresentam capacidades de dispersão muito divergentes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Integrante / Antonio SoléCava - Integrante / Cristiano Lazoski - Integrante / Paulo César de Paiva - Coordenador / Renato Ventura - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2011
Desenvolvimento da taxonomia de esponjas marinhas (Porifera) no Brasil
Descrição: O objetivo desse projeto é estudar a taxonomia das esponjas marinhas brasileiras..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Integrante / Guilherme Muricy - Coordenador / Eduardo Hajdu - Integrante / Solange Peixinho - Integrante / Carla Maria Menegola da Silva - Integrante.Financiador(es): Petróleo Brasileiro - Rio de Janeiro - Matriz - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 9 / Número de orientações: 3
2008 - 2011
Capacitação para Pesquisa em Taxonomia, Filogenia e Biogeografia de Poríferos da América do Sul ( Projeto EsponjAS)
Descrição: Levantar a fauna de poríferos da América do Sul e capacitar novos taxonomistas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Integrante / Eduardo Hajdu - Coordenador / Carla Maria Menegola da Silva - Integrante / Carla Zilberberg - Integrante / Gisele Lôbo-Hajdu - Integrante / Ruth Desqueyroux-Faúndez - Integrante / Beatriz Mothes - Integrante / Philippe Willenz - Integrante / Günter Försterra - Integrante / Verena Häussermann - Integrante / Alejandro Bravo - Integrante / Viviane Perdomo Santos - Integrante / Welington Franklin Vieira Júnior - Integrante / Yuri Hooker - Integrante / Rafaela Magalhães Aires - Integrante / Yuri Izidoro Tassara - Integrante / Vitor Lima Menezes - Integrante / Cezar Cardenas - Integrante.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2008 - 2011
Espécies invasoras marinhas do estado do Rio de Janeiro: biologia e impacto econômico.
Descrição: Entender os mecanismos de bioinvasão é fundamental para se tentar evitar suas conseqüências muitas vezes desastrosas para o meio ambiente, economia e saúde humana. Além disso, o estudo de bioinvasões oferece oportunidade ímpar para se compreender processos ecológicos populacionais e de comunidade. No Brasil, pouco se conhece acerca de bioinvasões em nosso litoral. Recentemente, o Ministério do Meio Ambiente publicou uma lista com 66 espécies marinhas introduzidas sendo que, no Rio de Janeiro, são detectadas atualmente 36 dessas espécies. Dentre elas estão a esponja Paraleucilla magna, o poliqueta Branchiomma luctuosum, o cirripédio Megabalanus coccopoma e a bactéria Vibrio cholerae. O objetivo do presente projeto é avaliar essas espécies introduzidas sob diferentes aspectos, populacionais e biológicos. Assim, será avaliada por métodos moleculares a estrutura populacional e a dinâmica das introduções. No caso do V. cholerae, serão testadas as hipóteses de que o sorogrupo O1 não é invasor e de que o sorogrupo O139 não ocorre em águas costeiras brasileiras. Para as espécies de invertebrados serão obtidos também, tanto das espécies introduzidas quanto de espécies nativas co-genéricas, dados sobre o período reprodutivo, recrutamento, taxa de crescimento e densidade populacional em áreas naturais e em fazendas de mexilhões, onde alguns desses organismos introduzidos investigados sabidamente têm efeito negativo na produção. A equipe de emergentes é formada por profissionais de três das maiores universidades do estado do Rio de Janeiro (UFRJ, UFF e UERJ) e que já atuam em colaboração nas áreas de bioinvasões, zoologia, ecologia, microbiologia e genética..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) Doutorado: (4) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Fábio Pitombo - Integrante / Carla Zilberberg - Integrante / Andrea Junqueira - Integrante / Michelle Klautau - Integrante / Fabiano Thompson - Integrante / Carlos Guerra Schrago - Integrante / Christine Ruta - Integrante / Jaqueline Gusmão - Integrante / Alex Prast - Integrante / Luis Felipe Skinner - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Evolução e desenvolvimento do sistema aquífero em esponjas (Porifera)
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2008
Ciclo de vida e dinâmica populacional de Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea).
Descrição: O objetivo desse projeto é estudar a reprodução da espécie introduzida Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea) no Rio de Janeiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Emílio de Lanna Neto - Integrante / André Queiroz de Padua - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 7 / Número de orientações: 2
2007 - Atual
Encontro de Biotas: Composição e Distribuição de Poríferos na Confluências Austral dos Oceanos Pacífico e Atlantico.
Descrição: Estudo da relação entre populações de Porifera nas costas atlântica e pacifica da América do Sul..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador.
2003 - 2005
A seleção natural e a complexidade morfológica dos metazoários.
Descrição: O projeto visa correlacionar a evolução molecular do gênero Clathrina (Porifera, Calcarea) com sua evolução morfológica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Michelle Regina Lemos Klautau - Coordenador / Claudia Russo - Integrante / Antonio SoléCava - Integrante / Hans Tore Rapp - Integrante / André Linhares Rossi - Integrante / Gert Wörheide - Integrante.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro / Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1


Membro de corpo editorial


2013 - Atual
Periódico: Zootaxa (Auckland. Print)
2010 - Atual
Periódico: ISRN Zoology


Membro de comitê de assessoramento


2013 - 2016
Agência de fomento: World Register of Marine Species


Revisor de periódico


2002 - Atual
Periódico: Marine Biology (Berlin)
2003 - Atual
Periódico: Marine Ecology. Progress Series
2003 - Atual
Periódico: Sarsia (Bergen)
2004 - Atual
Periódico: Zoological Journal of the Linnean Society
2007 - 2007
Periódico: Revista Brasileira de Zoologia
2007 - 2007
Periódico: Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom (0025-31
2009 - 2009
Periódico: Mediterranean Marine Science
2011 - 2011
Periódico: ISRN Communications and Networking
2011 - 2011
Periódico: Invertebrate Biology
2011 - Atual
Periódico: Microbial Ecology (Online)
2013 - Atual
Periódico: ISRN Zoology
2013 - Atual
Periódico: ISRN Zoology
2016 - Atual
Periódico: Biochemical Systematics and Ecology
2017 - Atual
Periódico: CANADIAN JOURNAL OF ZOOLOGY (ONLINE)
2018 - Atual
Periódico: JOURNAL OF EXPERIMENTAL ZOOLOGY PART B-MOLECULAR AND DEVELOPMENTAL EVOLUTIO
2018 - Atual
Periódico: FRONTIERS IN MARINE SCIENCE


Revisor de projeto de fomento


2012 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
2012 - Atual
Agência de fomento: Deutsche Forschungsgemeinschaft
2009 - 2009
Agência de fomento: Agencia Nacional de Promocion Cientifica Y Tecnologica


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Taxonomia dos Grupos Recentes/Especialidade: Sistemática de Porifera.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Animal/Especialidade: Genética Marinha.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada/Especialidade: Conservação das Espécies Animais.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada/Especialidade: Utilização dos Animais.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2016
"Bolsa Nota 10" para o pos-doc André Queiroz de Padua, FAPERJ.
2015
Espécie nomeada em homenagem - Ernstia klautauae, van Soest, R.W.M & Voogd, N.J. - Calcareous sponges of Indonesia. Zootaxa, 3951(1): 27.
2012
Segundo melhor trabalho oral no II Simpósio Brasileiro de Espongiologia do XXXIX CBZ para o orientando André Queiroz de Padua, Sociedade Brasileira de Zoologia.
2012
Segundo melhor painel científico no II Simpósio Brasileiro de Espongiologia do XXXIX CBZ para o orientando André Queiroz de Padua, Sociedade Brasileira de Zoologia.
2011
"Bolsa Nota 10" para a orientada de doutorado Fernanda Fernandes Cavalcanti, FAPERJ.
2010
Segundo melhor painel científico da sessão "Phylogeny and Evolution" da VIII World Sponge Conference para a orientanda Fernanda Fernandes Cavalcanti, Organizadores da VIII World Sponge Conference.
2008
Terceiro melhor painel científico no I Simpósio Brasileiro de Espongiologia do XXVII CBZ para a orientanda Fernanda Fernandes Cavalcanti, Sociedade Brasileira de Zoologia.
2008
Quarto melhor painel científico no I Simpósio Brasileiro de Espongiologia do XXVII CBZ para o orientando Emilio de Lanna Neto, Sociedade Brasileira de Zoologia.
2006
Melhor trabalho da sessão oral Prof. Joham Becker na XXVII Jornada de Iniciação Científica da UFRJ para o orientando André Linhares Rossi, Universidade Federal do Rio de Janeiro.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:46
Total de citações:655
Fator H:13
Klautau, Michelle  Data: 18/11/2016

SCOPUS

Artigos completos publicados em periódicos

1.
CONDOR-LUJAN, B.2018CONDOR-LUJAN, B. ; LOUZADA, T. S. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Morphological and molecular taxonomy of calcareous sponges (Porifera: Calcarea) from Curaçao, Caribbean Sea. ZOOLOGICAL JOURNAL OF THE LINNEAN SOCIETY, v. XX, p. 1-67, 2018.

2.
Fontana, T.2018Fontana, T. ; CONDOR-LUJAN, B. ; Azevedo, F. C. ; PEREZ, T. ; KLAUTAU, M. . DIVERSITY AND DISTRIBUTION PATTERNS OF CALCAREOUS SPONGES (SUBCLASS CALCINEA) FROM MARTINIQUE. ZOOTAXA, v. 4410, p. 331-369, 2018.

3.
GRENIER, M.2018GRENIER, M. ; RUIZ, C. ; FOURT, M. ; SANTONJA, M. ; DUBOIS, M. ; KLAUTAU, M. ; VACELET, J. ; BOURYESNAULT, N. ; PEREZ, T. . Sponge inventory of the French Mediterranean waters, with an emphasis on cave-dwelling species. ZOOTAXA, v. 4466, p. 205-228, 2018.

4.
LOPES, M. V.2018LOPES, M. V. ; CONDOR-LUJAN, B. ; Azevedo, F. C. ; PEREZ, T. ; KLAUTAU, M. . A new genus of calcareous sponge discovered in the Caribbean Sea: Bidderia gen. nov. (Porifera, Calcarea, Calcinea). ZOOTAXA, v. 4526, p. 56-70, 2018.

5.
LOPES, M. V.2018LOPES, M. V. ; PADUA, A. Q. ; CONDOR-LUJAN, B. ; KLAUTAU, M. . Calcareous sponges (Porifera, Calcarea) from Florida: new species, new records and biogeographical affinities. ZOOTAXA, v. 4526, p. 127-150, 2018.

6.
PEREZ, T.2017PEREZ, T. ; DIAZ, M. ; RUIZ, C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; KLAUTAU, MICHELLE ; HAJDU, E. ; Lôbo-Hajdu, G. ; ZEA, S. ; POMPONI, S. ; THACKER, R. ; CARTERON, S. ; TOLLU, G. ; POUGET-CUVELIER, A. ; THELAMON, P. ; MARECHAL, J. ; THOMAS, O. P. ; ERESKOVSKY, A. V. ; VACELET, J. ; BOURYESNAULT, N. . How a collaborative integrated taxonomic effort has trained new spongiologists and improved knowledge of Martinique Island (French Antilles, eastern Caribbean Sea) marine biodiversity. PLoS One, v. 12, p. e0173859, 2017.

7.
Azevedo, F. C.2017Azevedo, F. C. ; PADUA, A. Q. ; Moraes, F. ; Rossi, A. L. ; MURICY, G. ; KLAUTAU, M. . Taxonomy and phylogeny of calcareous sponges (Porifera: Calcarea: Calcinea) from Brazilian mid-shelf and oceanic islands. ZOOTAXA (ONLINE), v. 4311, p. 301-344, 2017.

8.
PADUA, A.2017PADUA, A. ; CUNHA, H. A. ; KLAUTAU, M. . Gene flow and differentiation in a native calcareous sponge (Porifera) with unknown dispersal phase. Marine Biodiversity, v. 1, p. 1-11, 2017.

9.
KLAUTAU, M.2017KLAUTAU, M.; Cavalcanti, F. F. ; BOROJEVIC, R. . The new sponge species Amphoriscus pedunculatus (Porifera, Calcarea). ZOOTAXA (ONLINE), v. 4341, p. 105, 2017.

10.
LOAEC, N.2017LOAEC, N. ; ATTANASIO, E. ; VILLIERS, B. ; DURIEU, E. ; TAHTOUH, T. ; CAM, M. ; DAVIS, R. A. ; ALENCAR, A. ; ROUE, M. ; BOURGUET-KONDRACKI, M. ; PROKSCH, P. ; LIMANTON, E. ; GUIHENEUF, S. ; CARREAUX, F. ; BAZUREAU, J. ; KLAUTAU, MICHELLE ; MEIJER, L. . Marine Derived 2-Aminoimidazolinone Alkaloids. Leucettamine B-Related Polyandrocarpamines Inhibit Mammalian and Protozoan DYRK & CLK Kinases. Marine Drugs, v. 15, p. 1-15, 2017.

11.
KLAUTAU, MICHELLE2016KLAUTAU, MICHELLE; IMESEK, M. ; Azevedo, F. C. ; PLESE, B. ; NIKOLIĆ ; CETKOVIC, H. . Adriatic calcarean sponges (Porifera, Calcarea) with description of six new species and richness analysis. European Journal of Taxonomy, v. 178, p. 1-52, 2016.

12.
Rossi, A. L.2016Rossi, A. L. ; RIBEIRO, B. ; LEMOS, M. ; WERCKMANN, J. ; BOROJEVIC, R. ; FROMONT, J. ; KLAUTAU, MICHELLE ; Farina, M. . Crystallographic orientation and concentric layers in spicules of calcareous sponges. Journal of structural biology, v. 1, p. 1-9, 2016.

13.
PADUA, A. Q.2016PADUA, A. Q. ; Leocorny, P. ; CUSTODIO, M. ; KLAUTAU, MICHELLE . Fragmentation, fusion, and genetic homogeneity in a calcareous sponge (Porifera, Calcarea). Journal of Experimental Zoology. Part A, Ecological Genetics and Physiology (Online), v. 1, p. 1-10, 2016.

14.
PADUA, A.2016PADUA, A. ; KLAUTAU, M. . Regeneration in calcareous sponges (Porifera). Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom (Print), v. 96, p. 553-558, 2016.

15.
Leocorny, P.2016Leocorny, P. ; ALENCAR, A. R. ; FROMONT, J. ; KLAUTAU, M. . New Leucettidae de Laubenfels, 1936 (Porifera, Calcarea) from Western Australia. ZOOTAXA (ONLINE), v. 4175, p. 319-334, 2016.

16.
Lanna, E.2016Lanna, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Life history and reproductive dynamics of the cryptogenic calcareous sponge Sycettusa hastifera (Porifera, Calcarea) living in tropical rocky shores. Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom (Print), v. 1, p. 1-10, 2016.

17.
RIBEIRO, B.2016RIBEIRO, B. ; PADUA, A. Q. ; Paiva, Paulo César de ; CUSTODIO, M. ; KLAUTAU, MICHELLE . Exploitation of micro refuges and epibiosis: survival strategies of a calcareous sponge. JOURNAL OF THE MARINE BIOLOGICAL ASSOCIATION OF THE UNITED KINGDOM, v. 1, p. 1-9, 2016.

18.
CÓNDOR-LUJÁN, B.2016CÓNDOR-LUJÁN, B. ; KLAUTAU, M. . Nicola gen. nov. with redescription of Nicola tetela (Borojevic & Peixinho, 1976) (Porifera: Calcarea: Calcinea: Clathrinida) . Zootaxa (Online), v. 4103, p. 230-238, 2016.

19.
Azevedo, F. C.2015Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; WILLENZ, P. ; HAJDU, E. ; HOOKER, Y. ; KLAUTAU, M. . Integrative taxonomy of calcareous sponges (subclass Calcinea) from the Peruvian coast: morphology, molecules, and biogeography. Zoological Journal of the Linnean Society, v. 173, p. 787-817, 2015.

20.
Lanna, Emilio2015Lanna, Emilio ; KLAUTAU, MICHELLE . Some aspects of the oogenesis of three species of clathrinid sponges (Calcarea, Porifera). Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom (Print), v. 96, p. 1-11, 2015.

21.
IMESEK, M.2014IMESEK, M. ; PLESE, B. ; PFANNKUCHEN, M. ; GODRIJAN, J. ; PFANNKUCHEN, D. M. ; KLAUTAU, M. ; CETKOVIC, H. . Integrative taxonomy of four Clathrina species of the Adriatic Sea, with the first formal description of Clathrina rubra Sarà, 1958. Organisms Diversity & Evolution, v. 14, p. 21-29, 2014.

22.
ROSSI, ANDRE L.2014ROSSI, ANDRE L. ; CAMPOS, ANDREA P.C. ; BARROSO, MADALENA M.S. ; KLAUTAU, MICHELLE ; ARCHANJO, BRÁULIO SOARES ; BOROJEVIC, RADOVAN ; FARINA, MARCOS ; WERCKMANN, JACQUES . Long-range crystalline order in spicules from the calcareous sponge Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea). Acta Biomaterialia, v. 10, p. 3875-3884, 2014.

23.
Lanna, Emilio2014Lanna, Emilio ; PARANHOS, RODOLFO ; Paiva, Paulo C. ; KLAUTAU, MICHELLE . Environmental effects on the reproduction and fecundity of the introduced calcareous sponge Paraleucilla magna in Rio de Janeiro, Brazil. Marine Ecology-An Evolutionary Perspective, v. 36, p. n/a-n/a, 2014.

24.
PADUA, A. Q.2013PADUA, A. Q. ; Lanna, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Macrofauna inhabiting the sponge Paraleucilla magna (Porifera: Calcarea) in Rio de Janeiro, Brazil. Journal of the Marine Biological Association of the UK (Online), v. 93, p. 889-898, 2013.

25.
Cavalcanti, F. F.2013Cavalcanti, F. F. ; SKINNER, L. F. ; KLAUTAU, M. . Population dynamics of cryptogenic calcarean sponges (Porifera, Calcarea) in Southeastern Brazil. Marine Ecology (Berlin), v. 34, p. 280-288, 2013.

26.
Cavalcanti, F. F.2013 Cavalcanti, F. F. ; Rapp HT ; KLAUTAU, M. . Taxonomic revision of Leucascus Dendy, 1892 (Porifera: Calcarea) with revalidation of Ascoleucetta Dendy & Frederick, 1924 and description of three new species. Zootaxa (Online), v. 3619, p. 275-314, 2013.

27.
KLAUTAU, M.2013 KLAUTAU, M.; Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; Rapp HT ; COLLINS, A. ; RUSSO, C. A. M. . A molecular phylogeny for the order Clathrinida rekindles and refines Haeckel?s taxonomic proposal for calcareous sponges. Integrative and Comparative Biology, v. 1, p. 1-15, 2013.

28.
PADUA, A. Q.2013PADUA, A. Q. ; Cavalcanti, F. F. ; CUNHA, H. ; KLAUTAU, M. . Isolation and characterization of polymorphic microsatellite loci from Clathrina aurea (Porifera, Calcarea). Marine Biodiversity: international journal of marine science, v. 43, p. 489-492, 2013.

29.
Padua, André2013Padua, André ; Lanna, Emilio ; Zilberberg, Carla ; Paiva, Paulo César de ; KLAUTAU, MICHELLE . Recruitment, habitat selection and larval photoresponse of Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea) in Rio de Janeiro, Brazil. Marine Ecology (Berlin), v. 34, p. 56-61, 2013.

30.
Lanna, E.2012Lanna, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Embryogenesis and larval ultrastructure in Paraleucilla magna (Calcarea, Calcaronea), with remarks on the epilarval trophocyte epithelium ( placental membrane ). Zoomorphology (Berlin. Print), v. 131, p. 277-292, 2012.

31.
Cavalcanti, Fernanda F.2011Cavalcanti, Fernanda F. ; KLAUTAU, MICHELLE . Solenoid: a new aquiferous system to Porifera. Zoomorphology (Berlin. Print), v. 130, p. 255-260, 2011.

32.
ROSSI, ANDRÉ LINHARES2011 ROSSI, ANDRÉ LINHARES ; DE MORAES RUSSO, CLAUDIA AUGUSTA ; SOLÉ-CAVA, ANTONIO MATEO ; RAPP, HANS TORE ; KLAUTAU, MICHELLE . Phylogenetic signal in the evolution of body colour and spicule skeleton in calcareous sponges. Zoological Journal of the Linnean Society, v. 163, p. 1026-1034, 2011.

33.
Barroso, Romulo2010Barroso, Romulo ; KLAUTAU, MICHELLE ; Solé-Cava, Antonio M. ; Paiva, Paulo C. . Eurythoe complanata (Polychaeta: Amphinomidae), the `cosmopolitan fireworm, consists of at least three cryptic species. Marine Biology (Berlin), v. 157, p. 69-80, 2010.

34.
Lanna, E.2010Lanna, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Oogenesis and spermatogenesis in Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea).. Zoomorphology (Berlin. Print), v. 129, p. 249-261, 2010.

35.
Lanna, E.2009Lanna, E. ; Cavalcanti, F. F. ; Cardoso, L. ; MURICY, G. ; KLAUTAU, M. . Taxonomy of calcareous sponges (Porifera, Calcarea) from Potiguar Basin, NE Brazil. Zootaxa (Auckland), v. 1973, p. 1-27, 2009.

36.
Azevedo, F. C.2009Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; WILLENZ, P. ; KLAUTAU, M. . New Records of Calcareous Sponges (Porifera, Calcarea) from the Chilean coast. Zootaxa (Auckland), v. 2072, p. 1-30, 2009.

37.
VALDERRAMA, D.2009VALDERRAMA, D. ; ROSSI, ANDRÉ LINHARES ; SOLÉ-CAVA, ANTONIO MATEO ; RAPP, HANS TORE ; KLAUTAU, MICHELLE . Revalidation of Leucetta floridana (Haeckel, 1872) (Porifera, Calcarea): a widespread species in the tropical western Atlantic.. Zoological Journal of the Linnean Society, v. 157, p. 1-16, 2009.

38.
Costa-Paiva, E. M.2007Costa-Paiva, E. M. ; Paiva, P.C. ; KLAUTAU, M. . Anaesthetization and fixation effects on the morphology of sabellid polychaetes (Annelida: Polychaeta: Sabellidae). Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom (Print), v. 87, p. 1127-1132, 2007.

39.
Azevedo, F. C.2007Azevedo, F. C. ; KLAUTAU, M. . Calcareous sponges (Porifera, Calcarea) from Ilha Grande Bay, Brazil, with a description of three new species. Zootaxa (Auckland), v. 1402, p. 1-22, 2007.

40.
Lanna, E.2007Lanna, E. ; Rossi, A. L. ; Cavalcanti, F. F. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. . Calcareous sponges from São Paulo state, Brazil (Porifera: Calcarea: Calcinea) with the description of two new species.. Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom, v. 87, p. 1553-1561, 2007.

41.
Cavalcanti, F. F.2007Cavalcanti, F. F. ; Zilberberg, C. ; KLAUTAU, M. . Seasonal variation of morphological characters of Chondrilla aff. nucula (Porifera: Demospongiae) from the south-east coast of Brazil.. Journal of the Marine Biological Association of the United Kingdom, v. 87, p. 1727-1732, 2007.

42.
Zilberberg, C.2006Zilberberg, C. ; SOLÉCAVA, A. ; KLAUTAU, M. . The extent of asexual reproduction in sponges of the genus Chondrilla (Demospongiae: Chondrosida) from the Caribbean and the Brazilian coasts. Journal of Experimental Marine Biology and Ecology, v. 336, p. 211-220, 2006.

43.
Rossi, A. L.2006Rossi, A. L. ; Farina, M. ; BOROJEVIC, R. ; KLAUTAU, M. . Occurrence of five-rayed spicules in a calcareous sponge: Sycon pentactinalis sp. nov. (Porifera: Calcarea). Cahiers de Biologie Marine, v. 47, p. 261-270, 2006.

44.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L2004KLAUTAU, M.; MONTEIRO, L. ; BOROJEVIC, R. . First occurrence of the genus Paraleucilla (Calcarea, Porifera) in the Atlantic Ocean: P. magna sp. nov.. Zootaxa (Auckland), v. 710, p. 1-8, 2004.

45.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L2003 KLAUTAU, M.; VALENTINE, C. . Revision of the genus Clathrina (Porifera, Calcarea). Zoological Journal of the Linnean Society, Oxford, v. 139, p. 1-62, 2003.

46.
LAZOSKI, C.2001LAZOSKI, C. ; SOLÉCAVA, A. ; BOURYESNAULT, N. ; KLAUTAU, M. ; RUSSO, C. . Cryptic speciation in a high gene flow scenario in the oviparous marine sponge Chondrosia reniformis. Marine Biology (Berlin), Grã-Bretanha, v. 139, p. 421-429, 2001.

47.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L2001KLAUTAU, M.; VALENTINE, C. ; Rapp HT . Two new species of Clathrina (Porifera, Calcarea) from the Norwegian coast. Sarsia (Bergen), Noruega, v. 86, p. 69-74, 2001.

48.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L2001KLAUTAU, M.; BOROJEVIC, R. . Sponges of the genus Clathrina Gray, 1867 from Arraial do Cabo, Brazil. Zoosystema, França, v. 23, n.3, p. 395-410, 2001.

49.
BOROJEVIC, R.2000BOROJEVIC, R. ; KLAUTAU, M. . Calcareous sponges from New Caledonia.. Zoosystema, França, n.22, 2000.

50.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L2000KLAUTAU, M.; VALENTINE, C. . Review of the book: Sponges of the New Caledonian Lagoon. Journal of Natural History, Grã-Bretanha, n.34, p. 157-158, 2000.

51.
BOURYESNAULT, N.1999BOURYESNAULT, N. ; KLAUTAU, M. ; BÉZAC, C. ; WULFF, J. ; SOLÉCAVA, A. . Comparative study of putative conspecific sponge populations from both sides of the Isthmus of Panama.. Journal Of The Marine Biological Association Of The United Kingdom, Grã Bretanha, n.79, p. 39-50, 1999.

52.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L1999 KLAUTAU, M.; RUSSO, C. ; LAZOSKI, C. ; BOURYESNAULT, N. ; THORPE, J. ; SOLÉCAVA, A. . Does cosmopolitanism result from overconservative systematics? A case study using the marine sponge Chondrilla nucula.. Evolution (Lancaster), EUA, n.53, p. 1414-1422, 1999.

53.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L1994KLAUTAU, M.; SOLÉCAVA, A. ; BOROJEVIC, R. . Biochemical systematics of sibling sympatric species of Clathrina (Porifera, Calcarea). Biochemical Systematics and Ecology, Grã-Bretanha, v. 22, n.22, p. 367-375, 1994.

54.
BOURYESNAULT, N.1994BOURYESNAULT, N. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. ; CUSTODIO, M. ; BOROJEVIC, R. . The value of cytological criteria in distinguishing sponges at the species level: example of the genus Polymastia.. Canadian Journal of Zoology (Print), Canada, v. 72, n.72, p. 795-804, 1994.

55.
KLAUTAU, M.;KLAUTAU, MICHELLE;Klautau, Michelle L1993KLAUTAU, M.; CUSTODIO, M. ; BOROJEVIC, R. . Cell cultures of sponges Clathrina and Polymastia.. In Vitro Cellular And Developmental Biology, EUA, n.29, p. 97-99, 1993.

56.
SOLÉCAVA, A.1991SOLÉCAVA, A. ; KLAUTAU, M. ; BOURYESNAULT, N. ; BOROJEVIC, R. ; THORPE, J. . Genetic evidence for cryptic speciation in allopatric populations of two cosmopolitan species of the calcareous sponge Clathrina.. Marine Biology (Berlin), Inglaterra, v. 111, p. 381-386, 1991.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MURICY, G. ; Lopes, D.A. ; HAJDU, E. ; Carvalho, M.S. ; Moraes, F. ; KLAUTAU, MICHELLE ; Menegola, C. ; Pinheiro, U. . Catalogue of Brazilian Porifera. 1. ed. Rio de Jneiro: Museu Nacional, 2011. v. 1. 299p .

2.
MURICY, G. ; ESTEVES, E. L. ; Moraes, F. ; SANTOS, J. P. ; KLAUTAU, MICHELLE ; Lanna, E. . Biodiversidade Marinha da Bacia Potiguar. 1. ed. Rio de Janeiro: Museu Nacional, 2008. v. 1. 156p .

Capítulos de livros publicados
1.
KLAUTAU, M.. Porifera. In: Adilson Fransozo; Maria Lucia Negreiros-Fransozo. (Org.). Zoologia dos Invertebrados. 1ed.Rio de Janeiro: Roca, 2016, v. 1, p. 100-117.

2.
KLAUTAU, M.; Russo, C.A.M. . Metazoans, Origins of. In: R. Kliman; C. A. M. Russo. (Org.). Encyclopedia of Evolutionary Biology. 1ed.: Elsevier, 2016, v. 1, p. 1-6.

3.
WILLENZ, P. ; Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Porifera - Sponges (class Calcarea). In: Vreni Häussermann; Günter Försterra. (Org.). Marine Benthic Fauna of Chilean Patagonia. 1ed.Santiago: Nature in Focus, 2009, v. 1, p. 95-106.

4.
Moraes, F. ; Ventura, M. ; KLAUTAU, M. ; HAJDU, E. ; MURICY, G. . Biodiversidade de esponjas das ilhas oceânicas brasileiras. In: Ruy José Válka Alves; João Wagner de Alencar Castro. (Org.). Ilhas oceânicas brasileiras: da pesquisa ao manejo. Brasília: Ministério do Meio Ambiente, 2006, v. 1, p. 147-177.

5.
HAJDU, E. ; MURICY, G. ; KLAUTAU, M. ; COLABORADORES, E. . Filo Porifera. In: Helena Passeri Lavrado & Barbara Lage Ignácio. (Org.). Biodiversidade bentônica da região central da Zona Econômica Exclusiva brasileira. Rio de Janeiro: Museu Nacional do Rio de Janeiro, 2006, v. , p. 109-146.

6.
HAJDU, E. ; Santos, C.P. ; Lopes, D.A. ; Oliveira, M.V. ; Moreira, M.C.F. ; Carvalho, M.S. ; KLAUTAU, M. . Filo Porifera. In: Antonia Cecília Zacagnini Amaral; Carmen Lúcia Del Bianco Rossi-Wongtschowski. (Org.). Biodiversidade Bentônica da Região Sudeste-Sul do Brasil - Plataforma Externa e Talude Superior. 1ed.São Paulo: USP, 2004, v. 1, p. 49-56.

7.
KLAUTAU, M.; CUSTODIO, M. ; BOROJEVIC, R. . In vitro culture of primary cell lines from marine sponges. In: R.W.M. van Soest; Th.M.G. van Kempen; J.C. Braekman;. (Org.). Sponges in Time and Space. Rotterdam: A.A. Balkema Publishers, 1994, v. , p. 401-406.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
KLAUTAU, MICHELLE. Ciência presa em emaranhado legal. Ciência Hoje, Rio de Janeiro, , v. 481, p. 66 - 67.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
Zilberberg, C. ; KLAUTAU, MICHELLE ; Menegola, C. ; BERLINCK, R. ; HAJDU, E. . Porifera. In: CBZ 2008, 2009, Curitiba. Estado da Arte e Perspectivas para a Zoologia no Brasil. Curitiba: UFPR, 2008. p. 17-28.

2.
Lanna, E. ; MONTEIRO, L. ; KLAUTAU, M. . Life cycle of Paraleucilla magna Klautau, Monteiro and Borojevic, 2004 (Porifera, Calcarea).. In: 7th International Porifera Symposium, 2007, Búzios. Porifera Research - Biodiversity, Innovation and Sustainability.. Rio de Janeiro: Museu Nacional, 2006. v. 28. p. 413-418.

3.
MURICY, G. ; HAJDU, E. ; CUSTODIO, M. ; KLAUTAU, M. ; PEIXINHO, S. . Sponge distribution at Arraial do Cabo, SE Brazil.. In: VII Symposium on Coastal and Ocean Management., 1991, Long Beach. Proceedings of the VII Symposium on Coastal and Ocean Management, 1991. p. 1183-1196.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
Leocorny, P. ; Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; PADUA, A. Q. ; GOMES, B. R. ; KLAUTAU, M. . Biodiversity of calcareous sponges (Porifera, Calcarea) from Ilhabela Archipelago, São Paulo, Brazil. In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2014, Itajaí. Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2014. v. 1.

2.
Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; Leocorny, P. ; PADUA, A. Q. ; GOMES, B. R. ; KLAUTAU, M. . Biodiversity of calcareous sponges (Porifera, Calcarea) from Arvoredo Island, REBIOMAR Arvoredo, Santa Catarina, Brazil. In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2014, Itajaí. Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2014. v. 1.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
RIBEIRO, B. ; FERNANDES, F. C. ; Rossi, A. L. ; KLAUTAU, MICHELLE . Increase in light intensity: a threat or not for calcareous sponges survival?. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017. v. 1. p. 1-1.

2.
CONDOR-LUJAN, B. ; LEOCORNY, P. ; Azevedo, F. C. ; PADUA, A. Q. ; HAJDU, E. ; WILLENZ, P. ; HOOKER, Y. ; KLAUTAU, MICHELLE . On going speciation of the amphiamerican calcareous sponge Clathrina aurea.. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017. v. 1. p. 1-1.

3.
Zilberberg, C. ; LAZOSKI, C. ; ERESKOVSKY, A. ; LAPORT, M. ; HARDOIM, C. ; KLAUTAU, MICHELLE ; SOLÉCAVA, A. ; BOURYESNAULT, N. . The Chondrilla species complex along a N-S gradient in the Tropical Western Atlantic: an integrative approach.. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

4.
PADUA, A. Q. ; DEGNAN, B. M. ; CUSTODIO, M. ; KLAUTAU, MICHELLE . In vitro formation of chimaeric primmorphs after cell dissociation in a calcareous sponge.. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

5.
Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; PADUA, A. Q. ; LOUZADA, T. S. ; Fontana, T. ; RIZZIERI, R. C. ; Leocorny, P. ; HAJDU, E. ; PEREZ, T. ; KLAUTAU, MICHELLE . Biodiversity and Biogeography of Tropical Western Atlantic Calcarea (Porifera). In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

6.
RIZZIERI, R. C. ; Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; PEREZ, T. ; KLAUTAU, MICHELLE . Integrative taxonomy for the genus Ernstia (Porifera, Calcarea, Calcinea) in the Lesser Antilles, Caribbean Sea.. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

7.
GEROVASILEIOU, V. ; Fontana, T. ; Azevedo, F. C. ; ANTONIADOU, C. ; VOULTSIADOU, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Calcarean sponge fauna of the Eastern Mediterranean Sea.. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

8.
Fontana, T. ; Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; PEREZ, T. ; KLAUTAU, MICHELLE . Biodiversity of calcineans (Porifera, Calcarea) from Martinique, Lesser Antilles, Caribbean Sea.. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

9.
VOIGT, O. ; Azevedo, F. C. ; CONDOR-LUJAN, B. ; Rapp HT ; WORHEIDE, G. ; KLAUTAU, MICHELLE . A proposal for the family level classification of Calcinea (Porifera, Calcarea). In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

10.
HALASZ, M. ; CETKOVIC, H. ; KLAUTAU, MICHELLE . Historical overview on the Adriatic calcarean sponges.. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

11.
GEORGE, A. M. ; EKINS, M. ; MACCORMACK, S. ; KLAUTAU, MICHELLE . Calcareous Sponges From Palau And The Great Barrier Reef, Australia. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

12.
CHEVALDONNE, P. ; BOURYESNAULT, N. ; DIAZ, M. ; DUBOIS, M. ; ERESKOVSKY, A. ; RUIZ, C. ; GRENIER, M. ; VACELET, J. ; KLAUTAU, MICHELLE ; PEREZ, T. . Exploring remote islands and remote habitats: the key role of hidden cave sponges in solving systematic issues. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

13.
PEREZ, T. ; KLAUTAU, MICHELLE ; THOMAS, O. P. . The International Associated Laboratory MARRIO (France, Brazil, Ireland): Patterns of sponge biodiversity and chemical diversity from Martinique to Rio de Janeiro. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

14.
SOROKIN, S. ; KLAUTAU, MICHELLE ; GOUDIE, L. ; CROWTHER, A. ; FROMONT, J. ; GEORGE, A. M. ; MACCORMACK, S. ; WAHAB, M. A. A. . Calcarea on the shelf edge of the Great Australian Bight, Australia. In: 10th World Sponge Conference, 2017, Galway. 10th World Sponge Conference, 2017.

15.
CONDOR-LUJAN, B. ; LOUZADA, T. S. ; KLAUTAU, MICHELLE . Biodiversidade de esponjas da subclasse Calcaronea (Porifera: Calcarea) de Curaçao, Mar do Caribe. In: I Congresso de Conservação Marinha (CONMAR), 2016, Paraty. I CONMAR, 2016. v. 1. p. 1.

16.
CONDOR-LUJAN, B. ; Azevedo, F. C. ; KLAUTAU, MICHELLE . Calcareous sponges from the Western Atlantic Ocean: biodiversity, biogeography and connectivity among Caribbean and Brazilian populations. In: 3rd International Workshop on Taxonomy of Atlanto-Mediterranean Deep-Sea Sponges, 2016, Gijón. 3rd International Workshop on Taxonomy of Atlanto-Mediterranean Deep-Sea Sponges, 2016. v. 1. p. 1.

17.
GOMES, B. R. ; PADUA, A. Q. ; Paiva, P.C. ; CUSTODIO, M. ; KLAUTAU, MICHELLE . Exploração de micro refúgios e epibiose: estratégias de sobrevivência de uma esponja Calcarea. In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2016, Salvador. CBO 2016, 2016. v. 1. p. 1.

18.
CONDOR-LUJAN, B. ; Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; WILLENZ, P. ; HOOKER, Y. ; KLAUTAU, MICHELLE . Síntesis del conocimiento sobre esponjas del Perú. In: Congreso de Ciencias del Mar del Perú, 2016, Lima. CONCIMAR, 2016. v. 1. p. 1.

19.
CONDOR-LUJAN, B. ; GARCIA-HERNANDEZ, J. ; SCHIZAS, N. ; PEREZ, T. ; KLAUTAU, MICHELLE . Filogeografía de esponjas calcáreas (Porifera: Calcarea) en el Océano Atlántico Occidental Tropical. In: Congreso de Ciencias del Mar del Perú, 2016, Lima. CONCIMAR 2016, 2016. v. 1. p. 1.

20.
NUNES, V. C. S. ; Azevedo, F. C. ; PADUA, A. Q. ; KLAUTAU, M. . Biodiversidade de esponjas calcareas do oeste da Austrália.. In: XIX BioSemana da UFRJ, 2015, Rio de Janeiro. XIX BioSemana da UFRJ, 2015. v. 1. p. 1.

21.
Fontana, T. ; Azevedo, F. C. ; GEROVASILEIOU, V. ; KLAUTAU, M. . Biodiversidade de esponjas calcareas do Mar Egeu.. In: XIX BioSemana da UFRJ, 2015, Rio de Janeiro. XIX BioSemana da UFRJ, 2015. v. 1. p. 1.

22.
GEROVASILEIOU, V. ; Fontana, T. ; Azevedo, F. C. ; ANTONIADOU, C. ; VOULTSIADOU, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Calcarean sponge diversity in the Eastern Mediterranean and the Black Sea.. In: International Congress on the Zoogeography and Ecology of Greece and Adjacent Regions, 2015, Creta. 13th ICZEGAR, 2015. v. 1. p. 120-120.

23.
Lanna, E. ; Cavalcanti, F. F. ; PADUA, A. Q. ; KLAUTAU, M. . Dez anos de Paraleucilla magna (Calcarea, Porifera): de espécie nova a modelo para estudos de ecologia, reprodução e bioinvasão. In: IV Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2013, Florianópolis. Anais do IV Congresso Brasileiro de Biologia Marinha. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2013. v. 1. p. 1-1.

24.
PADUA, A. Q. ; Leocorny, P. ; KLAUTAU, M. . Dinâmica populacional de Clathrina aurea (Porifera, Calcarea). In: IV Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2013, Florianópolis. Anais do IV Congresso Brasileiro de Biologia Marinha. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina. v. 1. p. 1-1.

25.
PEREZ, T. ; KLAUTAU, M. ; Azevedo, F. C. . 'MARRIO' Padrões de biodiversidade e quimiodiversidade marinha da MARtinica ao RIO de Janeiro: esponjas como modelo de estudo. In: Marine Brazil: building the marine science French Brazilian meeting, 2013, Búzios. Marine Brazil: building the marine science French Brazilian meeting, 2013. v. 1. p. 1-1.

26.
Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. . Biogeography of calcinean sponges (Calcarea). In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum, 2013. v. 1. p. 1-1.

27.
Cavalcanti, F. F. ; CUNHA, H. ; KLAUTAU, M. . Population genetics of the introduced sponge Sycettusa hastifera (Porifera, Calcarea) in the Brazilian coast.. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum, 2013. v. 1. p. 1-1.

28.
CONDOR-LUJAN, B. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. . Connectivity among populations of Clathrina aurea (Calcarea: Calcinea) from the Pacific and Atlantic coasts of South America. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum. v. 1. p. 1-1.

29.
FROMONT, J. ; VANDERKLIFT, M. ; KLAUTAU, M. . Sessile fauna of a temperate, shallow water Western Australian environment.. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum. v. 1. p. 1-1.

30.
KLAUTAU, M.; IMESEK, M. ; PLESE, B. ; NIKOLIĆ ; CETKOVIC, H. . Calcareous sponges from the Adriatic Sea.. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum, 2013. v. 1. p. 1-1.

31.
Lanna, E. ; KLAUTAU, M. . Oogenesis and embryogenesis of a cryptogenic species of calcareous sponge (Calcaronea, Heteropiidae) in Southwestern Atlantic. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum, 2013. v. 1. p. 1-1.

32.
Leocorny, P. ; GOMES, B. R. ; MENDES, E. ; LAMIN, T. ; ALENCAR, A. R. ; FROMONT, J. ; Rapp HT ; GERASIMOVA, E. ; KLAUTAU, M. . Taxonomy and diversity of Calcinea (Porifera, Calcarea) from Western Australia.. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum, 2013. v. 1. p. 1-1.

33.
PADUA, A. Q. ; Leocorny, P. ; KLAUTAU, M. . Population and individual dynamics of Clathrina aurea (Calcarea).. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum, 2013. v. 1. p. 1-1.

34.
PADUA, A. Q. ; CUNHA, H. ; KLAUTAU, M. . Connectivity among populations of Clathrina aurea (Porifera, Calcarea) in South-Southeastern Brazil.. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum. v. 1. p. 1-1.

35.
PADUA, A. Q. ; FONSECA, C. A. ; SILVA, T. C. G. ; KLAUTAU, M. . Calcareous sponges are fashion. In: 9th World Sponge Conference, 2013, Fremantle. 9th World Sponge Conference. Perth: Western Australian Museum, 2013. v. 1. p. 1-1.

36.
Azevedo, F. C. ; CONDOR, B. ; HAJDU, E. ; HOOKER, Y. ; WILLENZ, P. ; KLAUTAU, M. . Taxonomia e distribuição das esponjas calcareas do litoral do Peru.. In: XXIX CBZ, 2012, Salvador. XXIX CBZ: Biodiversidade e Memória, 2012. v. 1.

37.
Cavalcanti, F. F. ; SKINNER, L. F. ; Zilberberg, C. ; KLAUTAU, MICHELLE . Recrutamento de esponjas calcareas exóticas (Porifera, Calcarea) no litoral do Rio de Janeiro. In: XXIX CBZ, 2012, Salvador. XXIX CBZ: Biodiversidade e Memória, 2012.

38.
PADUA, A. Q. ; CUNHA, H. ; KLAUTAU, M. . Estudo da conectividade entre populações de Clathrina aurea (Porifera, Calcarea) no Brasil. In: XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 2012, Salvador. XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia. Salvador: UFBA, 2012. v. 1. p. 1-1.

39.
PADUA, A. Q. ; KLAUTAU, M. . Capacidade regenerativa em uma esponja Calcarea. In: XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 2012, Salvador. XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 2012. v. 1. p. 1-1.

40.
Azevedo, F. C. ; PADUA, A. Q. ; KLAUTAU, M. . Descrição de dez novas espécies do gênero Clathrina para a costa brasileira. In: XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 2012, Salvador. XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 2012. v. 1. p. 1-1.

41.
ALENCAR, A. R. ; NEVES, L. ; VACELET, J. ; DEBITUS, C. ; KLAUTAU, M. . Esponjas calcareas da Polinésia Francesa (Porifera, Calcarea). In: XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 2012, Salvador. XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 2012. v. 1. p. 1-1.

42.
Cavalcanti, F. F. ; SKINNER, L. F. ; KLAUTAU, MICHELLE . POPULATION DYNAMICS OF TWO EXOTIC CALCAREOUS SPONGES (PORIFERA, CALCAREA) IN SOUTHEASTERN BRAZIL. In: Congresso Latino Americamo de Ciências do Mar, 2011, Balneário Camboriú. COLACMAR 2011, 2011. v. 1.

43.
ALENCAR, A. R. ; KLAUTAU, MICHELLE . Taxonomic revision and molecular phylogeny of the Family Leucettidae de Laubenfels, 1936 (Calcarea, Calcinea). In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

44.
Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; SOLÉ-CAVA, ANTONIO MATEO ; KLAUTAU, MICHELLE . The new species complex Clathrina ?brasiliensis? (Porifera, Calcarea). In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

45.
Cavalcanti, F. F. ; SKINNER, L. F. ; KLAUTAU, MICHELLE . Growth and mortality of early juveniles of the exotic sponge Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea) from Brazil. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

46.
Cavalcanti, F. F. ; RAPP, HANS TORE ; KLAUTAU, MICHELLE . Taxonomic revision of the genus Leucascus (Porifera, Calcarea) with revalidation of the genus Ascoleucetta. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

47.
Cavalcanti, F. F. ; KLAUTAU, MICHELLE . Solenoid: a new aquiferous system to the Phylum Porifera. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

48.
CONDOR, B. ; Azevedo, F. C. ; KLAUTAU, MICHELLE ; HAJDU, E. ; HOOKER, Y. ; WILLENZ, P. . First record of a former SW Atlantic endemic, Clathrina aurea (Porifera, Calcarea), in the Southern Peruvian Coast revealed by morphological and molecular cdata: A review of the species complex Clathrina ?clathrus?.. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

49.
KLAUTAU, MICHELLE; Lanna, E. ; BOROJEVIC, R. . Spermatozoids or asexual propagules in Calcarea ?. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

50.
Lanna, E. ; PARANHOS, R. ; KLAUTAU, MICHELLE . Reproductive dynamics of Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea) and its relationships with some environmental parameters in Rio de Janeiro (Brazil). In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

51.
Lanna, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Life cycle and the reproductive dynamics of Sycettusa hastifera (Calcarea: Calcaronea: Heteropiidae) in the Southwestern Atlantic.. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

52.
Lanna, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Ultrastructure of the amphiblastula larva and its ?placental membrane? in Paraleucilla magna (Calcarea, Calcaronea).. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

53.
PADUA, A. Q. ; Lanna, E. ; KLAUTAU, MICHELLE . Macrofauna inhabiting the sponge Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea) in Brazil.. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

54.
RUA, C. ; KLAUTAU, MICHELLE ; Solé-Cava, Antonio M. . A molecular and morphometric re-evaluation of Placospongia (Porifera, Demospongiae).. In: VIII World Sponge Conference, 2010, Girona. Ancient Animals, New Challenges, 2010. v. 1.

55.
ALENCAR, A. R. ; KLAUTAU, M. . Sinonimização do gênero Pericharax Poléjaeff, 1883 a Leucetta Haeckel, 1872 (Porifera, Calcarea). In: II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009, Búzios. II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009. p. 1-1.

56.
Cavalcanti, F. F. ; MURICY, G. ; KLAUTAU, M. . Descrição de um novo tipo de sistema aqüífero para o filo Porifera.. In: II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009, Búzios. II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009.

57.
Lanna, E. ; PARANHOS, R. ; KLAUTAU, M. . A relação entre fatores ambientais e a reprodução de uma esponja calcária invasora no litoral do Rio de Janeiro.. In: II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009, Búzios. II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009.

58.
Lanna, E. ; KLAUTAU, M. . Gametogênese de Paraleucilla magna (Calcarea, Calcaronea).. In: 1o Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil., 2009, Rio de Janeiro. 1o Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil., 2009.

59.
PADUA, A. Q. ; Lanna, E. ; Zilberberg, C. ; KLAUTAU, M. . Seleção de habitat e recrutamento de Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea).. In: 1o Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil, 2009, Rio de Janeiro. 1o Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil, 2009.

60.
PADUA, A. Q. ; Lanna, E. ; KLAUTAU, M. . Fauna associada da esponja invasora Paraleucilla magna no Rio de Janeiro.. In: II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha., 2009, Búzios. II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha., 2009.

61.
FONSECA, C. A. ; VASCONCELOS, B. ; KLAUTAU, M. . Esponjas Calcárias (Porifera, Calcarea) de Cabo Frio, Rio de Janeiro, Brasil.. In: II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha., 2009, Búzios. II Congresso Brasileiro de Biologia Marinha., 2009.

62.
Cavalcanti, F. F. ; MURICY, G. ; KLAUTAU, M. . Revisão taxonômica do gênero Leucascus Dendy, 1892 (Porifera, Calcarea, Calcinea).. In: I Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil, 2009, Rio de Janeiro. I Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil, 2009.

63.
Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. . Estado atual do conhecimento da fauna de esponjas calcárias do cone sul da América do Sul.. In: I Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil, 2009, Rio de Janeiro. I Workshop da Rede Temática Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil, 2009.

64.
PADUA, A. Q. ; Lanna, E. ; KLAUTAU, M. . Recrutamento e seleção de habitat de Paraleucilla magna na Praia Vermelha, Rio de Janeiro: resultados preliminares.. In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

65.
Cavalcanti, F. F. ; Lanna, E. ; ABSALAO, R. ; KLAUTAU, M. . Primeiro relato de desova de gastrópode no interior de uma esponja marinha na costa brasileira.. In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

66.
KLAUTAU, M.; Azevedo, F. C. ; Lanna, E. ; Cavalcanti, F. F. ; Rossi, A. L. ; Cardoso, L. ; PADUA, A. Q. . O Estado da Arte da taxonomia de esponjas calcárias na costa brasileira.. In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

67.
Lanna, E. ; Cavalcanti, F. F. ; Cardoso, L. ; MURICY, G. ; KLAUTAU, M. . Esponjas calcárias (Porifera, Calcarea) da Bacia Potiguar (NE/Brasil).. In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

68.
Cardoso, L. ; KLAUTAU, M. . Revisão do gênero Paraleucilla (Porifera, Calcarea). In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

69.
Rossi, A. L. ; SOLÉCAVA, A. ; RUSSO, C. ; Rapp HT ; WORHEIDE, G. ; KLAUTAU, M. . Evolução morfológica do gênero Clathrina (Porifera, Calcarea). In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

70.
Lanna, E. ; KLAUTAU, M. . Influência de fatores ambientais na gametogênese e desenvolvimento de Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea). In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

71.
Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. . Estudo morfológico e molecular de espécies crípticas do complexo Clathrina "cerebrum" (Porifera, Calcarea) das costas atlântica e pacífica da América do Sul. In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. XXVII CBZ. Curitiba, 2008.

72.
PADUA, A. Q. ; Lanna, E. ; Zilberberg, C. ; KLAUTAU, M. . Recrutamento e seleção de hábitat de Paraleucilla magna na Praia Vermelha, Rio de Janeiro. In: XXX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural - UFRJ, 2008, Rio de Janeiro. XXX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, 2008.

73.
Costa-Paiva, E. M. ; Paiva, P.C. ; KLAUTAU, M. . Duas novas espécies de Branchiomma (Sabellidae: Polychaeta) da costa brasileira. In: XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2008, Curitiba. Anais do XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2008. v. 1. p. 1.

74.
Cardoso, L. ; KLAUTAU, M. . Revisão do gênero Paraleucilla (Porifera, Calcarea). In: XXIX Jornada Giulio Massarani, 2007, Rio de Janeiro. XXIX Jornada Giulio Massarani, 2007.

75.
Costa-Paiva, E. M. ; Paiva, P.C. ; KLAUTAU, M. . Efeito de diferentes métodos de anestesia e fixação na morfologia de Sabellidae (Annelida: Polychaeta). In: XXVI Congresso Brasileiro de Zoologia, 2006, Londrina. XXVI CBZ. Londrina, 2006.

76.
Cavalcanti, F. F. ; Zilberberg, C. ; KLAUTAU, M. . Plasticidade morfológica de Chondrilla aff. nucula (Porifera, Demospongiae). In: XXVI Congresso Brasileiro de Zoologia, 2006, Londrina. XXVI CBZ. Londrina, 2006.

77.
Lanna, E. ; MONTEIRO, L. ; KLAUTAU, M. . Ciclo de vida de Paraleucilla magna Klautau, Monteiro & Borojevic, 2004 (Calcarea: Porifera). In: XXVI Congresso Brasileiro de Zoologia, 2006, Londrina. XXVI CBZ, 2006.

78.
Costa-Paiva, E. M. ; KLAUTAU, M. . Estudo morfométrico do complexo Branchiomma nigromaculata (Polychaeta: Sabellidae) da costa brasileira.. In: 1 Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2006, Niterói. 1 Congresso Brasileiro de Biologia Marinha. Niterói: Universidade Federal Fluminense, 2006. p. 87-87.

79.
Lanna, E. ; MONTEIRO, L. ; KLAUTAU, M. . Life-cycle of Paraleucilla magna Klautau, Monteiro & Borojevic, 2004 (Calcarea: Porifera). In: 7th Porifera Symposium, 2006, Búzios. Biodiversity, Innovation & Sustainability. Rio de Janeiro: Museu Nacional do Rio de Janeiro, 2006. p. 85-85.

80.
Rossi, A. L. ; RUSSO, C. ; Rapp HT ; KLAUTAU, M. . Molecular phylogeny and morphological evolution of the genus Clathrina (Porifera, Calcarea). In: 7th Porifera Symposium, 2006, Búzios. Biodiversity, Innovation & Sustainability. Rio de Janeiro: Museu Nacional do Rio de Janeiro, 2006. p. 196-196.

81.
Azevedo, F. C. ; HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. . Calcareous sponges (Porifera, Calcarea) from Chile. In: 7th Porifera Symposium, 2006, Búzios. Biodiversity, Innovation & Sustainability. Rio de Janeiro: Museu Nacional do Rio de Janeiro, 2006. p. 265-265.

82.
Cavalcanti, F. F. ; Zilberberg, C. ; KLAUTAU, M. . Morphological plasticity of Chondrilla aff. nucula (Porifera, Demospongiae). In: 7th Porifera Sysmposium, 2006, Búzios. Biodiversity, Innovation & Sustainability. Rio de Janeiro: Museu Nacional do Rio de Janeiro, 2006. p. 271-271.

83.
MONTEIRO, L. ; MURICY, G. ; KLAUTAU, M. . New records and one new species of calcareous sponges (Porifera) of Cagarras Archipelago, Rio de Janeiro, Brazil. In: 7th Porifera Symposium, 2006, Búzios. Biodiversity, Innovation & Sustainability. Rio de Janeiro: Museu Nacional do Rio de Janeiro, 2006. p. 295-295.

84.
Moraes, F. ; KLAUTAU, M. ; MURICY, G. . First records of Porifera from Trindade Island, Brazil, with description of four new species. In: 7th Porifera Sysmposium, 2006, Búzios. Biodiversity, Innovation & Sustainability. Rio de Janeiro: Museu Nacional do Rio de Janeiro, 2006. p. 296-296.

85.
Costa-Paiva, E. M. ; KLAUTAU, M. . Estudo taxonômico do complexo Branchiomma nigromaculatum (Baird, 1865) (Annelida: Polychaeta: Sabellidae) na costa brasileira. In: 1o Simpósio Latino-Americano de Polychaeta, 2006, São Sebastião. 1o Simpósio Latino-Americano de Polychaeta. São Sebastião. v. 1. p. 50-50.

86.
Barroso, R. ; Paiva, P.C. ; KLAUTAU, M. . Avaliação do cosmopolitismo do verme-de-fogo Eurythoe complanata (Pallas, 1766) (Polychaeta - Amphinomidae) através de abordagens morfológicas e moleculares. In: 1o Simpósio Latino-Americano de Polychaeta, 2006, São Sebastião. 1o Simpósio Latino-Americano de Polychaeta. São Sebastião. v. 1. p. 27-27.

87.
CAMPOS, L. S. ; FERNANDEZ, M. P. C. ; CARVALHO, A. L. P. S. ; KLAUTAU, M. ; TENEMBAUM, D. R. ; LAVRADO, H. ; RODRIGUES, E. . Life Sciences Brazilian Activities in Antartic. In: IX Scar International Biology Symposium, 2005, Curitiba. IX Scar International Biology Symposium, 2005.

88.
Azevedo, F. C. ; KLAUTAU, M. . Síntese do conhecimento e distribuição de esponjas (Porifera, Calcarea) no Brasil. In: II Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2005, Vitória. II Congresso Brasileiro de Oceanografia. Vitória, 2005.

89.
KLAUTAU, M.; Paiva, P.C. ; Barbosa, L. ; Barroso, R. . Estudo morfológico do Verme-de Fogo Eurythoe cf. complanata (Pallas, 1766) (Annelida-Polychaeta-Amphinomidae).. In: XXV Congresso Brasileiro de Zoologia, 2004, Brasília. XXV Congresso Brasileiro de Zoologia: Resumos.. Brasília: Sociedade Brasileira de Zoologia, 2004. v. 1. p. 4-4.

90.
KLAUTAU, M.; Rossi, A. L. ; Lanna, E. ; HAJDU, E. . Levantamento de esponjas calcárias na região de São Sebastião (SP).. In: XXV Congresso Brasileiro de Zoologia, 2004, Brasília. XXV Congresso Brasileiro de Zoologia: Resumos.. Brasília: Sociedade Brasileira de Zoologia., 2004. v. 1. p. 369-369.

91.
KLAUTAU, M.; Azevedo, F. C. . Levantamento preliminar das esponjas calcárias (Porifera, Calcarea) da Baía da Ilha Grande - RJ.. In: XXV Congresso Brasileiro de Zoologia, 2004, Brasília. XXV Congresso Brasileiro de Zoologia: Resumos. Brasília: Sociedade Brasileira de Zoologia, 2004. v. 1. p. 369-370.

92.
KLAUTAU, M.; MURICY, G. ; MONTEIRO, L. . Esponjas calcareas (Porifera, Calcarea) do Arquipélago das Cagarras, Rio de Janeiro, Brasil.. In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2004, Itajaí. CBO 2004. Itajaí: UNIVALI, 2004. v. 1. p. 28-28.

93.
KLAUTAU, M.; Rossi, A. L. ; CAMPOS, L. S. . Estudo preliminar de poríferos para monitoramento ambiental da Baía do Almirantado, Antártica.. In: Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2004, Itajaí. CBO 2004. Itajaí: UNIVALI, 2004. v. 1. p. 393-393.

94.
CAMPOS, L. S. ; FERNANDEZ, M. P. C. ; CARVALHO, A. L. P. S. ; KLAUTAU, M. ; TENEMBAUM, D. R. ; LAVRADO, H. ; RODRIGUES, E. . Ciências da Vida: atuação científica brasileira na Antártica. In: XII Seminário sobre Pesquisa na Antártica, 2004, São Paulo. XII Seminário sobre Pesquisa na Antártica. São Paulo, 2004.

95.
KLAUTAU, M.; Rossi, A. L. ; Lanna, E. . Levantamento preliminar de esponjas calcárias na região de São Sebastião - SP.. In: I Simpósio de Biologia Marinha da Universidade Federal Fluminense, 2003, Niterói. I Simpósio de Biologia Marinha da UFF - Livro de Resumos. Niterói: Universidade Federal Fluminense, 2003. v. 1. p. 128-128.

96.
KLAUTAU, M.; Azevedo, F. C. . Levantamento preliminar das esponjas calcárias (Porifera, Calcarea) da Baía da Ilha Grande - RJ.. In: I Simpósio de Biologia Marinha da Universidade Federal Fluminense, 2003, Niterói. I Simpósio de Biologia Marinha da UFF: Livro de Resumos.. Niterói: Universidade Federal Fluminense, 2003. v. 1. p. 129-129.

97.
SCHAMA, R. ; KLAUTAU, M. ; SOLÉCAVA, A. . De onde vem as bandas de desidrogenase não específicas em esponjas?. In: XXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1998, Recife. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1998.

98.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C. ; SOLÉCAVA, A. ; BOURYESNAULT, N. . Cosmopolitismo e estruturação gênica em populações de esponjas marinhas. In: XXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1998, Recife. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1998.

99.
LAZOSKI, C. ; KLAUTAU, M. ; RUSSO, C. ; SOLÉCAVA, A. ; BOURYESNAULT, N. . Populações européias e brasileiras de uma esponja cosmopolita pertencem a espécies diferentes.. In: XXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1998, Recife. Anais do XXI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1998.

100.
LAZOSKI, C. ; KLAUTAU, M. ; RUSSO, C. ; SOLÉCAVA, A. ; BOURYESNAULT, N. . Populações européias e brasileiras de uma esponja cosmopolita pertencem a espécies diferentes.. In: III Simpósio sobre Oceanografia - IOUSP, 1996, São Paulo. Anais do III Simpósio sobre Oceanografia - IOUSP, 1996.

101.
SOLÉCAVA, A. ; BOURYESNAULT, N. ; KLAUTAU, M. ; WULF, J. . O Istmo do Panamá e a especiação em esponjas.. In: III Simpósio sobre Oceanografia - IOUSP, 1996, São Paulo. Anais do III Simpósio sobre Oceanografia - IOUSP, 1996.

102.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C. ; SOLÉCAVA, A. ; BOURYESNAULT, N. . Cosmopolitismo e estruturação gênica em esponjas marinhas. In: III Simpósio sobre Oceanografia - IOUSP, 1996, São Paulo. Anais do III Simpósio sobre Oceanografia - IOUSP, 1996.

103.
CUSTODIO, M. ; KLAUTAU, M. ; BOROJEVIC, R. . Antigenic properties of sponge collagen and their potential use in taxonomy.. In: IV International Porifera Congress, 1993, Amsterdam. Proceedings of the IV International Porifera Congress, 1993.

104.
KLAUTAU, M.; CUSTODIO, M. ; BOROJEVIC, R. . Establishment of long-term cell cultures from marine sponges.. In: IV International Porifera Congress, 1993, Amsterdam. Proceedings of the IV International Porifera Congress, 1993.

105.
SOUSA, C. P. ; SOUZA, E. P. ; KLAUTAU, M. ; DUTRA, H. S. ; BOROJEVIC, R. . Glicoproteína GP36 de Leishmania donovani, reconhecida especificamente por soros de pacientes humanos com Calazar.. In: VII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental, 1992, Caxambu. Anais da VII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental. Caxambu, 1992.

106.
KLAUTAU, M.; SOLÉCAVA, A. . Sistemática bioquímica de esponjas marinhas: padrões de isoenzimas em espécies isoladas geograficamente.. In: XVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 1990, Londrina. Anais do XVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 1990. p. 187-187.

107.
KLAUTAU, M.; SOLÉCAVA, A. . Genética de invertebrados marinhos brasileiros. II: O gênero Clathrina (Porifera, Calcarea). In: XVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 1990, Londrina. Anais do XVII Congresso Brasileiro de Zoologia, 1990. p. 201-201.

108.
SILVA, E. ; RUSSO, C. ; KLAUTAU, M. ; SOLÉCAVA, A. . Genética bioquímica de Aplysina fistularis (Pallas) f. fulva (Porifera: Verongiida) e Bunodosoma caissarum (Correa) (Coelenterata: Actiniaria). In: XVI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1989, João Pessoa. Anais do XVI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1989. p. 244-244.

109.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C. ; SILVA, E. ; SOLÉCAVA, A. . Possível relação entre padrões eletroforéticos e a presença de endossimbiontes em esponjas marinhas. In: XVI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1989, João Pessoa. Anais do XVI Congresso Brasileiro de Zoologia, 1989. p. 3-4.

110.
KLAUTAU, M.; BOROJEVIC, R. . Esponjas marinhas de Arraial do Cabo, RJ. 1) Calcarea.. In: XV Congresso Brasileiro de Zoologia, 1988, Curitiba. Anais do XV Congresso Brasileiro de Zoologia, 1988. p. 7-7.

111.
MURICY, G. ; HAJDU, E. ; FARIA, E. ; KLAUTAU, M. ; PEIXINHO, S. . Esponjas marinhas de Arraial do Cabo, RJ. In: XIV Congresso Brasileiro de Zoologia, 1987, Juiz de Fora. Anais do XIV Congresso Brasileiro de Zoologia, 1987.

Apresentações de Trabalho
1.
KLAUTAU, MICHELLE; PEREZ, T. . O Laboratório Internacional Associado MARRIO. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
CONDOR-LUJAN, B. ; Azevedo, F. C. ; KLAUTAU, MICHELLE . Calcareous sponges from the Western Atlantic Ocean: biodiversity, biogeography and connectivity among Caribbean and Brazilian populations. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
KLAUTAU, M.; Azevedo, F. C. ; Lanna, E. ; Cavalcanti, F. F. ; Rossi, A. L. ; Cardoso, L. ; PADUA, A. Q. . O Estado da Arte da taxonomia de esponjas calcárias na costa brasileira.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
KLAUTAU, M.. Sistemática Alfa. 2000. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
KLAUTAU, M.. Genética Marinha: Cosmopolitismo em Espécies Crípticas. 1998. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
KLAUTAU, M.. A Lendária Hy Brasil. São Paulo: Devir, 2005 (Romance).

2.
KLAUTAU, M.. Crepúsculo da Fé. São Paulo: Devir, 2001 (Romance).


Demais tipos de produção técnica
1.
KLAUTAU, M.; PEREZ, T. ; CARDENAS, P. ; DE VOOGD, N. . Deep Sea and Cave Sponges. 2018. (Editoração/Periódico).

2.
KLAUTAU, M.. Taxonomy of Calcareous Sponges. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

3.
PEREZ, T. ; KLAUTAU, M. ; BOURYESNAULT, N. ; VACELET, J. ; DIAZ, C. ; POMPONI, S. ; THACKER, R. ; ZEA, S. ; ERESKOVSKY, A. . TRAINING SCHOOL SPONGE BIODIVERSITY OF THE CARRIBEAN SEA : WORKSHOP IN « LA MARTINIQUE ». 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
KLAUTAU, MICHELLE; Junqueira, A.; SILVA NETO, I. D.. Participação em banca de Tatiana Villalba Viana. Microparasitas do gênero Amoebophrya spp. infectando dinoflagelados marinhos: diversidade genética e potencial de controle sobre populações de hospedeiros.. 2016. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
KLAUTAU, M.; MENEZES, M.; HARDOIM, C.. Participação em banca de Amana Guedes Garrido. Diversidade genética de zooxantelas do hidrocoral Millepora alcicornis (Linnaeus, 1758) (Cnidaria, Hydrozoa) no Brasil e sua resposta a anomalias térmicas.. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
KLAUTAU, MICHELLE. Participação em banca de Michel Braun Jesionek. Taxonomia integrativa de algas calcárias incrustantes das formações recifais da plataforma continental de Abrolhos.. 2015. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
KLAUTAU, MICHELLE; Paiva, P.C.; LEAO, R.. Participação em banca de Livia Bonetti Villela. Genética pesqueira e filogeografia da anchova Pomatomus saltatrix (Linnaeus, 1766).. 2015. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
SILVA, E.; Zilberberg, C.; KLAUTAU, M.. Participação em banca de Bianca Ferreira da Silva. Filogeografia comparada de duas espécies do gênero Perinereis (Nereididae, Polychaeta) ao longo da costa brasileira.. 2014. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
KLAUTAU, M.; Azevedo, F. C.; PADUA, T. S.. Participação em banca de Camille Victória Leal Correia da Silva. Revisão taxonômica de Cliona Grant, 1826 do Brasil. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
KLAUTAU, M.; WEKSLER, M.; REIS, S. F.. Participação em banca de Alessandra Pavan Lamarca da Silva. Análise ontogenética e alometria multivariada no esqueleto de linhagens de Sigmodontinae (Rodentia, Cricetidae). 2014. Dissertação (Mestrado em Biodiversidade e Biologia Evolutiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
KLAUTAU, M.; Zilberberg, C.; TAKIYA, D.. Participação em banca de Victor Corrêa Seixas. Conectividade genética de duas espécies de poliqueta, Hermodice carunculata e Timarete punctata, ao longo do Atlântico Sul Ocidental e Mar do Caribe. 2013. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
KLAUTAU, M.; VENTURA, R.; Oliveira, J.A.. Participação em banca de Elinia Medeiros Lopes. Variações morfológicas, ontogenia e compatibilidade gamética entre os morfotipos de Echinaster (Othilia) brasiliensis Muller & Troschel, 1840 (Echinodermata: Asteroidea). 2010. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

10.
KLAUTAU, MICHELLE; Farina, M.; Santelli, R.. Participação em banca de Guilherme de Azevedo Maia. Caracterização de metais de esponjas brasileiras em campo e avaliação de métodos para uso em biomonitoramento. 2010. Dissertação (Mestrado em Programa de Ciências Morfológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

11.
KLAUTAU, M.; Zilberberg, C.; Pessôa, L.. Participação em banca de Fernanda Correia Azevedo. Sistemática morfológica e molecular de populações do complexo Clathrina "cerebrum" (Porifera, Calcarea) das costas pacífica e atlântica da América do Sul.. 2008. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

12.
VENTURA, R.; Lôbo-Hajdu, G.; KLAUTAU, M.. Participação em banca de Carmen Edith Pazoto Mauricio. Estimativa genética da contribuição da reprodução sexuada e assexuada em populações de Coscinasterias tenuispina (Lamarck, 1816) (Echinodermata: Asteroidea) na costa do Rio de Janeiro. 2007. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

13.
KLAUTAU, M.; LAVRADO, H.; Clóvis, C.B.. Participação em banca de Renata Carolina Mikosz Arantes. Diversidade e distribuição espacial de Octocorallia (Cnidaria) da Bacia de Campos, Brasil. 2006. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

14.
MURICY, G.; KLAUTAU, M.; ALBANO, R.. Participação em banca de Adriana Maria Salgado Mendes. Variabilidade morfológica e gênica de Dragmacidon reticulatus (Ridley & Dendy, 1886) (Demospongiae, Axinallidae) da costa brasileira. 2006. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

15.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; CUSTODIO, M.. Participação em banca de Cristina Pereira dos Santos. Revisão taxonômica de Timea Gray, 1867 (Timeidae, hadromerida, Porifera) da costa brasileira.. 2004. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

16.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; MURICY, G.. Participação em banca de Thomáz Vieiralves. Distinção de espécies de Amphimedon Duchassaing & Michelotti, 1864 (Niphatidae, Haplosclerida, Demospongiae) da costa brasileira por estudos de diversidade genética e morfológica.. 2004. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

17.
KLAUTAU, M.; CUSTODIO, M.. Participação em banca de Eduardo Prata Vilanova. Taxonomia de esponjas da família Dysideidae (Demospongiae: Dyctioceratida) na costa brasileira.. 2003. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

18.
KLAUTAU, M.. Participação em banca de Rejane Nobrega Teles de Araújo. Genética de populações e sistemática molecular de Phallusia nigra (Urochordata: Ascidiacea). 2002. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

19.
KLAUTAU, M.; SILVA, E.; BITNER-MATHE, B.. Participação em banca de Miguel Ernesto Gabriel Couceiro de Oliveira. Estrutura gênica populacional de dois mexilhões brasileiros (Mollusca: Bivalvia: Mytilidae). 2000. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

20.
KLAUTAU, M.. Participação em banca de Paulo Roberto Fonseca Gonçalves Vianna. Genética de populações e sistemática molecular de Actinia bermudensis (Cnidaria - Actiniidae). 1999. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
KLAUTAU, MICHELLE; Paiva, Paulo César de; BRASIL, A.; VENTURA, R.; Coutinho, R.. Participação em banca de Gisele Exel Occhioni. Conectividade entre populações de Phragmatopoma caudata (Polychaeta - Sabellariidae) através de dispersão larval: uma análise utilizando biologia do desenvolvimento larval, análise genética e modelagem biofísica.. 2018. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
KLAUTAU, M.; LAVRADO, H.; CARDOSO, I. A.; SUMIDA, P.; DALTO, A. G.. Participação em banca de Cristiana Gomes de Oliveira Castello Branco. Systematics of bathyal and abyssal sponges from the south Atlantic (Brazilian slope and seamounts, and mid-Atlantic ridge).. 2018. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C.; VRCIBRADIC, D.; HENNING, F.; SILVA, H. R.. Participação em banca de Breno Hamdan. Biologia evolutiva, taxonomia molecular e biogeografia em Serpentes e Amphibia do Neotrópico e Oceania.. 2018. Tese (Doutorado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
KLAUTAU, M.; Junqueira, A.; Moraes, F.; Pinheiro, U.; CARRARO, J.. Participação em banca de Joana Carolina Freire Sandes Santos. Esponjas da plataforma continental de Sergipe: taxonomia e distribuição espaço-temporal.. 2018. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
KLAUTAU, M.; Azevedo, F. C.; Moraes, F.; MURICY, G.; Zanol, J.. Participação em banca de Anaíra Lage de Santa Luzia de Jesus. Taxonomia, filogenia e distribuição do gênero Plakina Schulze, 1880 (Porifera, Homoscleromorpha). 2018. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
KLAUTAU, MICHELLE; Paiva, Paulo César de; FARJALA, V. F.; LEAL, J. J. F.; BARRETO, M. B. B. B.. Participação em banca de Leonardo Fonseca da Silva. Estequiometria ecológica da interação trófica entre larvas de Phragmatopoma caudata (Kroyer) Morch, 1863 (Annelida, Polychaeta) e microalgas Dunaliella tertiolecta.. 2017. Tese (Doutorado em Ecologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
KLAUTAU, MICHELLE; PEREZ, T.; THOMAS, O. P.; CHEVALDONNE, P.; LEJEUSNE, C.; FAUVELOT, C.. Participação em banca de César Augusto Ruiz Pinzón. Apport de la Taxonomie Intégrative à la compréhension des mécanismes à l?origine de la biodiversité des spongiaires dans les grottes sous-marines. 2017. Tese (Doutorado em Ecole Doctorale Sciences de l`Environnement) - Aix-Marseille Université.

8.
KLAUTAU, MICHELLE; SOARES, C.; SILVA NETO, I. D.; PERINI, F. A.; Paiva, P.C.. Participação em banca de Mariana Fonseca Rossi. Evolução da biologia ruminal: diversificação de mamíferos herbívoros ruminantes, protistas ciliados simbiontes e arcabouço enzimático.. 2017. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
KLAUTAU, M.; CUNHA, H.; Pitombo, F.; WEKSLER, M.; VASCONCELOS, A.. Participação em banca de Elinia Medeiros Lopes. Filogenia molecular, delimitação de espécies, desenvolvimento inicial e história evolutiva do gênero Echinaster (Asteroidea: Echinodermata). 2016. Tese (Doutorado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
KLAUTAU, MICHELLE; Pessôa, L.; VALENTIN, J.; DARIO, F.; FIGUEIREDO, G. M.. Participação em banca de Sérgio Ricardo Brito Santos. Cientometria e análise geomorfométrica das espécies de pescadas e linguados exploradas comercialmente no estado do Rio de Janeiro.. 2016. Tese (Doutorado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

11.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; ESTEVES, E. L.; Azevedo, F. C.; Moraes, F.. Participação em banca de Julio Cesar Cruz Fernandez. Taxonomia de esponjas Poecilosclerida Topsent, 1928 (Demospongiae) do Chile.. 2015. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

12.
KLAUTAU, M.; TAKIYA, D.; Zanol, J.; ALMEIDA, E. B.; SANTOS, A. P.. Participação em banca de Bruno Clarkson Mattos. Análise filogenética de Berosini, com ênfase em Berosus Leach, 1817 (Insecta: Coleoptera: Hydrophilidae). 2015. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

13.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; ESTEVES, E. L.; Moraes, F.; Azevedo, F. C.. Participação em banca de Sula Salani Mota. Hymesdesmiidae (Porifera, Poecilosclerida) da costa brasileira.. 2015. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

14.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C. A. M.; MARTINS, G. S.; FORZZA, R. C.; OLIVEIRA, M. T. L.. Participação em banca de Letícia Loss de Oliveira. Filogenia molecular, evolução do gineceu e biogeografia histórica do gênero Philodendron (Araceae).. 2014. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

15.
KLAUTAU, MICHELLE; TAKIYA, D.; SANTOS, A. F. A.; BONVICINO, C. R.; MIYAKI, C. Y.. Participação em banca de Beatriz Mello Carvalho. Métodos de inferência de tempo de divergência e suas aplicações na avaliação de hipóteses em biogeografia histórica. 2014. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

16.
NESSIMIAN, J. L.; CALOR, A. R.; SCHRAGO, C. E. G.; KLAUTAU, M.; FREIRE, M. L. M.. Participação em banca de Allan Paulo Moreira dos Santos. Sistemática de Leucotrichiinae (Trichoptera, Hydroptilidae): redefinição dos limites genéricos.. 2013. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

17.
MARVAL, M. G.; SELDIN, L.; KLAUTAU, M.; OLIVEIRA, V. M.; COLOMBO, A. P.. Participação em banca de Juliana de Fátima Santos Gandelman. Análise da diversidade e do potencial biotecnológico de bactérias cultiváveis associadas a esponjas marinhas.. 2013. Tese (Doutorado em Ciências (Microbiologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

18.
KLAUTAU, MICHELLE; FERNANDES, D.; SOARES, C.. Participação em banca de Anieli Guirro Pereira. Diversificação de grandes linhagens de Squamata e enfoque na família Scincidae. 2013. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

19.
KLAUTAU, MICHELLE; Paiva, Paulo C.; SCHRAGO, C. G.; Araújo, F. G.; Ferreira, M. A.. Participação em banca de Anderson Vilasboa de Vasconcellos. Diferenciação molecular de estoques de corvinas (Micropogonias furnieri) na costa Atlântica da América do Sul. 2012. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

20.
KLAUTAU, M.; BRASIL, A.; RUTA, C.; Rizzo, A.; Paiva, P.C.. Participação em banca de Marcelo Borges Rocha. Taxonomia do gênero Scolelepis (Annelida: Polychaeta: Spionidae) em praias da costa brasileira através de abordagens morfológicas, morfométricas e moleculares. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

21.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; BRASIL, A.; Junqueira, A.; PEZZUTO, P. R.. Participação em banca de Daniela de Almeida Lopes. Taxonomia de Cladorhizidae (Poecilosclerida, Demospongiae) do mar profundo chileno e brasileiro, com ênfase em espécies associadas a Scleractinia azooxantelados (Cnidaria). Análise cladística e biogeográfica de Asbestopluma (Asbestopluma). 2011. Tese (Doutorado em Pós-Graduação em Ciências Biológicas (DOUTORADO) - Zoologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

22.
MURICY, G.; KLAUTAU, M.; Zilberberg, C.; Junqueira, A.; Moraes, F.. Participação em banca de Daniela Batista Corneli da Silva. Potencial das esponjas marinhas (Filo Porifera) como biomonitoras de poluição no litoral do Rio de Janeiro, RJU, Brasil. 2010. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

23.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; Moraes, F.; Pinheiro, U.; Lerner, C.. Participação em banca de Mariana de Souza Carvalho. Revisão taxonômica de Astrophorida e Halichondrida do Chile (Demospongiae, Porifera), filogenia e. 2008. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

24.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; NUNAN, G.; FLOETER, S.; Clóvis, C.B.. Participação em banca de Fernando Coreixas de Moraes. Taxonomia e Biogeografia de Porifera de Ilhas Oceânicas Brasileiras. 2006. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

25.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; Monteiro, F.; Zambonato, G.; Coutinho, R.. Participação em banca de Renata Schama Lellis. Sistemática de anêmonas do mar (Cnidaria, Actiniaria): uma comparação entre dados moleculares e morfológicos.. 2005. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

26.
KLAUTAU, M.; Clóvis, C.B.; Pitombo, F.; Serejo, C.; Perez, C.. Participação em banca de Marcelo Semeraro de Medeiros. Octocorais (Cnidaria: Anthozoa) da plataforma, talude e bancos oceânicos ao largo do Brasil. 2005. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
KLAUTAU, MICHELLE; LAZOSKI, C.; MENEZES, M.. Participação em banca de Mariana Mitsue Teschima. Biogeography of Symbiodinium community associated with the brooder coral Favia gravida in the South Atlantic Ocean. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
KLAUTAU, M.; COSTA, W. J. E. M.; BRITO, M.. Participação em banca de Axel Makay Katz. Filogenia de bagres do gênero Trichomycterus com ênfase nas espécies do leste do Brasil (Siluriformes: Trichomycteridae). 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
KLAUTAU, MICHELLE; VENTURA, R.; GOMES, A.. Participação em banca de Cristiana Gomes de Oliveira Castello Branco. Esponjas batiais e abissais do Atlântico Sul (talude e montes submarinos brasileiros, e Dorsal Meso-Atlântica): sistemática e biogeografia. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
KLAUTAU, M.; Coutinho, R.. Participação em banca de Gisele Exel Occhioni. Modelagem da dispersão larval: uma ferramenta para compreensão da conectividade marinha. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Ecologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
KLAUTAU, M.; MEJDALANI, G.. Participação em banca de Clayton Corrêa Gonçalves. Filogenia e Biogeografia de Gyponini Stal, 1870 (Insecta: Hemiptera: Cicadellidae).. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
KLAUTAU, MICHELLE. Participação em banca de Anieli Guirro Pereira. Filogenia datada e biogeografia histórica de Testudines.. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
KLAUTAU, M.; GIANNINI, A. L. M.; VOLOCH, C. M.. Participação em banca de Noemi Mendes Fernandes. Filogenia e evolução de protistas ciliados da classe Heterotrichea (Ciliophora: Postciliodesmatophora) com base em múltiplos marcadores moleculares. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
KLAUTAU, M.; SCHRAGO, C. E. G.; AMARAL, F. S. R.. Participação em banca de Alexandre Pedro Selvatti Ferreira Nunes. Posicionamento filogenético da ave endêmica para a região amazônica, Opisthocomus hoazin (Müller, 1776), considerada o maior enigma de Neoaves (Aves, Neognathae). 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
KLAUTAU, MICHELLE; HAJDU, E.; ESTEVES, E. L.. Participação em banca de Sula Salani Mota. Hymedesmiidae (Porifera, Poecilisclerida) da costa brasileira.. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
KLAUTAU, MICHELLE; Junqueira, A.; BRASIL, A.. Participação em banca de Marcelo Borges Rocha. Taxonomia do gênero Scolelepis (Annelida: Polychaeta: Spionidae) na costa brasileira através de abordagens morfológicas, morfométricas e moleculares. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

11.
KLAUTAU, MICHELLE; Zilberberg, C.; HAJDU, E.. Participação em banca de Daniela de Almeida Lopes. Taxonomia de Cladorhizidae (Poecilosclerida, Demospongiae) do Brasil e do Chile, com ênfase em espécies associadas a Scleractinia azooxantelados (Cnidaria). Análise cladística e biogeográfica de Asbestopluma (Asbestopluma).. 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

12.
KLAUTAU, MICHELLE; COUTINHO, C.; PIRES, D.. Participação em banca de Emilio de Lanna Neto. Estudo da reprodução e do desenvolvimento do sistema aquífero de esponjas calcareas (Calcarea; Porifera). 2011. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

13.
MURICY, G.; KLAUTAU, MICHELLE; Moraes, F.. Participação em banca de Daniela Batista Corneli da Silva. Potencial das esponjas marinhas (Filo Porifera) como biomonitoras de poluição no litoral do Rio de Janeiro, RJU, Brasil. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

14.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Participação em banca de Fernando Coreixas de Moraes. Taxonomia e Biogeografia de Porifera de Ilhas Oceânicas Brasileiras. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

15.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; HAJDU, E.. Participação em banca de Ulisses S. Pinheiro. Esponjas de águas continentais brasileiras. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
KLAUTAU, M.; TAKIYA, D.; SEIXAS, V. C.. Participação em banca de Monique Cristina dos Santos.Filogeografia do gênero Scolelepis (Polychaeta: Spionidae) ao longo da costa brasileira. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas - Zoologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
KLAUTAU, M.; Junqueira, A.; VENTURA, R.. Participação em banca de Bárbara Feital Fonseca.Relação entre a regeneração corporal e a gametogênese e desenvolvimento embrionário da estrela-do-mar Coscinasterias tenuispina.. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas - Biologia Marinha) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
KLAUTAU, MICHELLE; LAZOSKI, C.; Zanol, J.. Participação em banca de Victor Corrêa Seixas.Análise filogeográfica do complexo Diopatra cuprea (Annelida: Onuphidae) de praias ao longo da costa brasileira. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; Junqueira, A.. Participação em banca de Emílio de Lanna Neto.Ciclo de vida de Paraleucilla magna Klautau, Monteiro & Borojevic, 2004 (Porifera, Calcarea). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
KLAUTAU, M.; Junqueira, A.; MURICY, G.. Participação em banca de Fernanda Fernandes Cavalcanti.Estudo da Variabilidade Morfológica de Chondrilla aff. nucula (Porifera, Demospongiae) em Arraial do Cabo, RJ.. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
KLAUTAU, M.. Participação em banca de Luciana Vieira Granthom Costa.A disponibilidade de larvas e o recrutamento de incrustantes marinhos: variação espaço-temporal sob um grandiente de luz.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Biologia Marinha) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
KLAUTAU, M.; HAJDU, E.; Menegola, C.; Lôbo-Hajdu, G.. Participação em banca de Estéfane Cardinot Reis.Caracterização molecular de esponjas da espécie Aplysina lacunosa Pallas, 1766 (Aplysinidae, Verongida, Demospongiae) da costa brasileira e região do Caribe.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

8.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C.; Paiva, P.C.. Participação em banca de Ada André Pinheiro.Padrão de variação gênica da espécie Arbacia lixula (Linnaeus, 1758) (Echinodermata: Echinoidea) em três populações do litoral do estado do Rio de Janeiro. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
SILVA, E.; KLAUTAU, M.; Billio, U.C.. Participação em banca de Michelle Rezende Duarte.Padrão de Variação Gênica em Morfotipos e Populações de Paracentrotus gaimardi (Blainville, 1825) (Echinodermata: Echinoidea) do Litoral do Rio de Janeiro.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal Fluminense.

10.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C.; Pinto, M.E.. Participação em banca de Ricardo Pereira da Silva.Posição filogenética dos primatas.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

11.
KLAUTAU, M.. Participação em banca de José Ricardo Pereira.Relatório Técnico de Atividades - Zoologia. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

12.
KLAUTAU, M.. Participação em banca de Marcelo Simões Rezende.Morfologia e Taxonomia de Cinco Espécies de Protistas Ciliados Isolados do Lodo Ativado do Leito de Secagem da Estação de Tratamento de Esgotos da llha do Governador, RJ.. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

13.
KLAUTAU, M.. Participação em banca de Elisa Maria da Costa e Silva.Relatório Técnico de Atividades - Zoologia. 2003. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

14.
KLAUTAU, M.; Carvalho, B.. Participação em banca de Cristiano Lazoski.Variação gênica e sistemática molecular de duas esponjas do gênero Cinachyrella (Porifera: Tetillidae).. 1997. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
KLAUTAU, M.; VENTURA, R.; ZALMON, I. R.; MORANDINI, A. C.; FERNANDES, F. C.. Biologia de Invertebrados. 2015. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
KLAUTAU, M.; Gonzaga, L.; Pessôa, L.. Zoologia IV-A - Vertebrados. 2006. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
KLAUTAU, M.; NICOLA, M. H. A.; PONTES, L.. Bioquímica. 2001. Centro Federal de Educação Tecnológica de Química de Nilópolis.

4.
KLAUTAU, M.; NICOLA, M. H. A.. Bioquímica. 2000. Centro Federal de Educação Tecnológica de Química.

Outras participações
1.
KLAUTAU, M.; PADUA, A. Q.; Costa-Paiva, E. M.; SILVA, B. S. O.. Seminários de Acompanhamento de Teses e Dissertações do PPGBBE/UFRJ. 2018. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
KLAUTAU, MICHELLE; HAJDU, E.; FERREIRA JUNIOR, N.. Progressão Funcional Horizontal. 2016. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

3.
COELHO, A.; KLAUTAU, MICHELLE. Progressão Funcional Horizontal. 2016. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

4.
KLAUTAU, MICHELLE; SAKURAGUI, C. M.. Seminários de Acompanhamento de Teses e Dissertações do PPGBBE/UFRJ. 2016. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

5.
KLAUTAU, MICHELLE. Seminários de Acompanhamento de Teses e Dissertações do PPGZOO/UFRJ. 2015. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
KLAUTAU, MICHELLE. XIX BioSemana. 2015. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

7.
KLAUTAU, MICHELLE; RUSSO, C. A. M.; SAKURAGUI, C. M.. Seminários de Acompanhamento de Teses e Dissertações do PPGBBE/UFRJ. 2014. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

8.
KLAUTAU, M.; Pessôa, L.; AMADO FILHO, G.. Seleção de Doutorado do PPG em Biodiversidade e Biologia Evolutiva. 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

9.
KLAUTAU, M.; COELHO, A.; TANURI, A.. Progressão Funcional Horizontal. 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

10.
KLAUTAU, M.. Seleção de Mestrado do PPG em Biodiversidade e Biologia Evolutiva. 2012. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

11.
KLAUTAU, M.; RUSSO, C.; Zilberberg, C.; FERNANDEZ, F.. Seleção de Mestrado do PPG em Biodiversidade e Biologia Evolutiva. 2012. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

12.
KLAUTAU, M.. Seminário de IC - Prêmio UFF Vasconcellos Torres de CT. 2012. Universidade Federal Fluminense.

13.
KLAUTAU, MICHELLE. Seleção para Doutorado no Programa de Pós-Graduação em Zoologia do Museu Nacional do Rio de Janeiro. 2011. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

14.
KLAUTAU, M.. Seleção de Mestrado do PPG em Biodiversidade e Biologia Evolutiva. 2011. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

15.
KLAUTAU, MICHELLE; BOROJEVIC, R.; EL-CHEIK, M. C.. Avaliação do potencial de esponjas brasileiras para uso em biomonitoramento. 2010. Universidade Federal do Rio de Janeiro.

16.
KLAUTAU, M.; CARAMASCHI, U.; RUTA, C.; FRAGA, S. M. L.; RAMALHO, L. V.. Seleção para o Doutorado em Zoologia do Museu Nacional do Rio de Janeiro/UFRJ. 2009. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

17.
MEJDALANI, G.; SILVA, D. F.; CHAGAS JUNIOR, A.; KLAUTAU, M.. Seleção para o Mestrado em Zoologia do Museu Nacional do Rio de Janeiro. 2008. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

18.
Serejo, C.; BONECKER, S.; SALLES, L.; CARVALHO, A. L.; KLAUTAU, M.. Seleção para o Mestrado em Zoologia do Museu Nacional do Rio de Janeiro. 2007. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

19.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. As espécies de Turbo Linnaeus, 1758 e Astraea Röding, 1798 s. lat. do litoral Atlântico Ocidental Tropical: conquiliologia, morfologia das partes moles, distribuição geográfica e taxonomia (Mollusca, Gastropoda, Turbinidae).. 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

20.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Taxonomia e morfologia de protistas ciliados presentes em sistema de tratamento de esgoto por lodos ativados.. 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

21.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Comparação interpopulacional de caracteres mofológicos e reprodutivos do ouriço-do-mar Arbacia lixula (Echinodermata: Echinoidea) em duas localidades do litoral brasileiro.. 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

22.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Comunidades macrobentônicas de substratos naturais e artiiciais da baía de Sepetiba/RJ, com ênfase na dinâmica de espécies introduzidas.. 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

23.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Composição, Distribuição e Estrutura Trófica de Nematódios Marinhos da Zona Entre-Marés de Praias Arenosas da Baía de Guanabara, RJ: Situação de Verão e Inverno.. 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

24.
KLAUTAU, M.; SILVA NETO, I. D.; BONECKER, S.. Revisão taxonômica, filogenia e biogeografia de Crambe Vosmaer, 1880 e Monanchora Carter, 1883 (Crambeidae, Poecilosclerida, Demospongiae). 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

25.
KLAUTAU, M.; SILVA NETO, I. D.; BONECKER, S.. Variabilidade morfológica e genética de Dragmacidon reticulatus (Demospongiae, Halichondriidae). 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

26.
KLAUTAU, M.; SILVA NETO, I. D.; BONECKER, S.. Taxonomia da Família Tetillidae (Porifera, Demospongiae) da costa central do Brasil coletada pelo Projeto REVIZEE escore Central. 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

27.
KLAUTAU, M.; SILVA NETO, I. D.; BONECKER, S.. Biodiversidade do mar profundo brasileiro: taxonomia da Subclasse Hexasterophora (Hexactinellida, Porifera). 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

28.
KLAUTAU, M.; SILVA NETO, I. D.; BONECKER, S.. Taxonomia de esponjas de águas continentais brasileiras. 2005. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

29.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; LAVRADO, H.. Biodiversidade do mar profundo brasileiro: taxonomia da subclasse Hexasterophora (Hexactinellida, Porifera). 2004. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

30.
KLAUTAU, M.; LAVRADO, H.; MURICY, G.. Taxonomia, filogenia e biogeografia de esponjas marinhas do Chile: Ordens Astrophorida e Halichondrida.. 2004. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

31.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; GUEDES, G. R.. Esponjas dulciaqüícolas do estado do Rio de Janeiro: taxonomia e ecologia.. 2004. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

32.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; GUEDES, G. R.. A aplicação do estudo dos insetos à criminalística.. 2004. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

33.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; GUEDES, G. R.. Revisão taxonômica das espécies do gênero Knodus Eigenmann, 1911 (Characiformes, Characidae) da Bacia do Tocantins.. 2004. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

34.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.; GUEDES, G. R.. Revisão taxonômica do complexo Gymnotus pantherinus (Steindachner, 1908) (Teleostei: Gymnotiformes).. 2004. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

35.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Distinção de espécies de Amphimedon Duchassaing & Michelotti, 1864 (Niphatidae, Haplosclerida, Demospongiae) da costa brasileira por estudos de diversidade genética.. 2003. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

36.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Esponjas dulciaqüícolas do estado do Rio de Janeiro: taxonomia e ecologia.. 2003. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

37.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Morfologia comparada e relacionamento filogenético da família Olividae Latreille, 1825 (Mollusca: Neogastropoda: Muricoidea) com base em representantes sul-americanos.. 2003. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

38.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Revisão Taxonômica de Timea Gray, 1867 (Timeidae, Hadromerida, Porifera) da costa brasileira.. 2003. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

39.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Estudo qualitativo e quantitativo das espécies de Tintinnida Kofoid & Campbell, 1929, (Ciliophora: Oligotrichea) da Baía de Guanabara (RJ) e a sua atividade trófica sobre as bactérias e outros organismos da Baía de Guanabara (RJ) e a sua atividade trófica sobre as bactérias e outros organismos do plâncton.. 2003. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

40.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Gênero Thaumastus Martens in Albers, 1860: conquiliologia, rádula, mandíbula, macro e microanatomia das partes moles e distribuição geográfica (Mollusca, Gastropoda, Pulmonata, Bulimulidae).. 2003. Museu Nacional do Rio de Janeiro.

41.
KLAUTAU, M.; MURICY, G.. Estudo taxonômico dos protistas ciliados encontrados em duas estações de monitoramento limnológico da Lagoa de Cabiúnas (Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, Macaé - RJ) associados a parâmetros físicos e químicos relativos à qualidade de água.. 2003. Museu Nacional do Rio de Janeiro.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
10th World Sponge Conference. 2017. (Congresso).

2.
Workshop du Réseau Thématique Pluridisciplinaire International (RTPI) Caraïbes du CNRS-INEE.The LIA "MARRIO" and the biodiversity and biogeography of Tropical Western Atlantic Calcarea (Porifera)?,. 2017. (Oficina).

3.
3rd International Workshop on Taxonomy of Atlanto-Mediterranean deep-Sea Sponges.Calcareous sponges from the Western Atlantic Ocean: biodiversity, biogeography and connectivity among Caribbean and Brazilian populations. 2016. (Oficina).

4.
Seminário franco-brasileiro: Cooperação científica franco-brasileira em perspectiva.O Laboratório Internacional Associado MARRIO. 2016. (Seminário).

5.
Taxonomic Workshop.Taxonomy of Calcareous Sponges. 2016. (Oficina).

6.
2nd International Workshop on Taxonomy of Atlanto-Mediterranean Deep-Sea Sponges.Calcareous sponges of the Azores. 2014. (Oficina).

7.
XVIII BioSemana da UFRJ.Importância das Esponjas no Ambiente Marinho. 2014. (Encontro).

8.
1st Workshop LIA-MARRIO.Life cycle and cosmopolitanism of Calcarea. 2013. (Encontro).

9.
9th World Sponge Conference. Biogeography of calcinean sponges (Calcarea). 2013. (Congresso).

10.
SICB Annual Meeting. Calcarea evolution: morphology and molecules. 2013. (Congresso).

11.
XVII BioSemana da UFRJ.Ética na experimentação animal com fins científicos e pedagógicos. 2013. (Encontro).

12.
PorToL Integrative Taxonomy Workshop.Phylogeny of Calcareous Sponges. 2012. (Encontro).

13.
XXII Seminário de Iniciação Científica.Prêmio UFF Vasconcellos Torres de Ciência e Tecnologia. 2012. (Seminário).

14.
XXIX Congresso Brasileiro de Zoologia. Catálogo de Porifera do Brasil: 150 anos e 450 espécies depois.... 2012. (Congresso).

15.
PorToL Integrative Taxonomy Workshop 2011.Calcareous Sponges. 2011. (Encontro).

16.
XV Biosemana.O que é espécie?. 2011. (Encontro).

17.
II Workshop para Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil.Spermatozoids or asexual propagules in Calcarea?. 2010. (Encontro).

18.
VIII World Sponge Conference. Spermatozoids or asexual propagules in Calcarea ?. 2010. (Congresso).

19.
Evolução: Perspectivas Históricas e Contemporâneas.Aspectos Contemporâneos do Estudo da Evolução. 2009. (Outra).

20.
I Workshop para Desenvolvimento da Taxonomia de Porifera no Brasil.Biodiversidade e distribuição de esponjas calcárias no Brasil. 2009. (Encontro).

21.
XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia. O Estado da Arte da Espongiologia no Brasil e Metas para 2018, 2028, 2038.. 2008. (Congresso).

22.
Marine Sponges and their Associated Ecosystems.Reproduction and development of calcareous sponges. 2007. (Encontro).

23.
Marine Sponges and their Associated Ecosystems.Sponge Speciation in the Western Atlantic. 2007. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
KLAUTAU, M.; PEREZ, T. . II Workshop ABC/CNRS - LIA MARRIO. 2016. (Outro).

2.
KLAUTAU, MICHELLE; PEREZ, T. . II Workshop ABC/CNRS: o Laboratório Internacional Associado MARRIO. 2016. (Outro).

3.
PEREZ, T. ; KLAUTAU, M. . 1st Workshop LIA-MARRIO. 2013. (Outro).

4.
HAJDU, E. ; KLAUTAU, M. . Simpósio Porifera do Brasil e Cone Sul da América - XXVII Congresso Barsileiro de Zoologia. 2008. (Congresso).

5.
HAJDU, E. ; BOROJEVIC, R. ; MURICY, G. ; CUSTODIO, M. ; KLAUTAU, M. ; LOBO-HAJDU, G. . 7th International Sponge Symposium. 2006. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Raisa Campos Rizzieri. Revisão do gênero Ascandra (Porifera, Calcarea). Início: 2018. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Tayara Caroline Fontana dos Santos. A microbiota e o uso de consórcios de microrganismos na recuperação de esponjas doentes.. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Supervisão de pós-doutorado
1.
André Queiroz de Padua. Início: 2016. Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ.

2.
Fernanda Correia Azevedo. Início: 2013. Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

Iniciação científica
1.
Matheus Vieira Lopes. Taxonomia e evolução de esponjas calcareas. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Ciências Biológicas - Zoologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Gabriela Figueiredo Tavares. Esponjas Calcareas do Caribe. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Bárbara Ribeiro Gomes. Efeitos do aquecimento e acidificação dos oceanos em esponjas calcareas (Porifera). 2018. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

2.
Pedro Vítor Leocorny Ferreira. Past and present scenario of the Western Atlantic sponge Clathrina aurea.. 2017. Dissertação (Mestrado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

3.
BÁSLAVI MARISBEL CÓNDOR LUJÁN. Avaliação da conectividade entre populações de Clathrina aurea (Porifera, Calcarea) das costas pacífica e atlântica da América do Sul. 2013. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

4.
André Queiroz de Padua. Estudo da conectividade de populações de Clathrina aurea (Porifera, Calcarea) na cosra do Brasil.. 2012. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

5.
Fernanda Fernandes Cavalcanti. Revisão e filogenia do gênero Leucascus Dendy, 1892 (Porifera, Calcarea, Calcinea). 2009. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

6.
Fernanda Correia Azevedo. Sistemática morfológica e molecular de populações do complexo Clathrina "cerebrum" (Porifera, Calcarea) das costas pacífica e atlântica da América do Sul.. 2008. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

7.
Emílio de Lanna Neto. Biologia Reprodutiva de Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea, Calcaronea) e sua relação com fatores ambientais no Rio de Janeiro. 2008. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

8.
André Linhares Rossi. Filogenia Molecular e Evolução Morfológica do Gênero Clathrina (Porifera, Calcarea). 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Genética)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

9.
Diego Fernando Valderrama Perez. Avaliação do status taxonômico de Leucetta floridana (Haeckel, 1872) (Calcarea, Clathrinida, Leucettidae).. 2007. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

10.
Elisa Maria Costa e Silva de Paiva. Estudo Taxonômico de Branchiomma nigromaculatum (Baird, 1865) (Annelida: Polychaeta: Sabellidae) na Costa Brasileira. 2006. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, . Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

11.
Rômulo Barroso Baptista. Avaliação do cosmopolitismo do verme-de-fogo Eurythoe complanata (Pallas, 1766) (Annelida: Polychaeta: Amphinomidae) através de abordagens morfológicas e moleculares. 2005. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

12.
Leandro de Campos Monteiro. Taxonomia de Porifera do Arquipélago das Cagarras, Rio de Janeiro (RJ), Brasil.. 2005. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

13.
Priscilla March. Sistemática morfológica e molecular do complexo Diopatra cuprea (Bosc, 1802). 2003. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Biológicas) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, . Coorientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

Tese de doutorado
1.
Báslavi Marisbel Cóndor Luján. Biodiversity and connectivity of calcareous sponges (Porifera: Calcarea) in the Western Tropical Atlantic. 2017. Tese (Doutorado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

2.
André Queiroz de Padua. Aspectos da individualidade de esponjas calcareas (Porifera). 2016. Tese (Doutorado em BIODIVERSIDADE E BIOLOGIA EVOLUTIVA) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

3.
Fernanda Correia Azevedo. Sistemática e Biogeografia de esponjas calcareas (Porifera, Calcarea) da América do Sul. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

4.
Fernanda Fernandes Cavalcanti. Aspectos ecológicos e genética de populações de esponjas calcareas (Porifera, Calcarea) criptogênicas no litoral brasileiro.. 2013. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

5.
Emílio de Lanna Neto. Aspectos evolutivos da biologia reprodutiva de algumas espécies de esponjas calcareas (Calcarea, Porifera). 2012. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

6.
Aline Rocha de Alencar. Revisão taxonômica e filogenia da família Leucettidae de Laubenfels, 1936 (Porifera, Calcarea, Calcinea).. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Zoologia) - Museu Nacional do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Raisa Campos Rizzieri. Esponjas Calcareas do Caribe (Calcinea). 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas - Zoologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

2.
Taynara dos Santos Louzada. BIODIVERSIDADE DE ESPONJAS DO GÊNERO LEUCANDRA HAECKEL, 1872 (PORIFERA, CALCAREA) NAS PEQUENAS ANTILHAS, MAR DO CARIBE.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

3.
Tayara Caroline Fontana dos Santos. Biodiversidade e distribuição de esponjas calcareas (Porifera, Calcarea, calcinea) da Martinica, Pequenas Antilhas, Mar do Caribe: uma abordagem integrativa. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas - Biologia Marinha) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

4.
Bárbara Ribeiro Gomes. Exploração de micro refúgios e epibiose: estratégias de sobrevivência de uma esponja Calcarea. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas - Biologia Marinha) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

5.
Pedro Victor Leocorny Ferreira. Levantamento de Biodiversidade da família Leucettidae de Laubenfels, 1936 (Porifera, Calcarea) para a costa oeste da Austrália. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas: Biotecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

6.
André Queiroz de Padua. Recrutamento de Paraleucilla magna (Porifera, Calcarea) na Praia Vernelha, RJ.. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

7.
Lilian Cardoso e Silva Costa Pinto. Revisão do Gênero Paraleucilla (Porifera, Calcarea). 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

8.
Emílio de Lanna Neto. O ciclo de vida de Paraleucilla magna Klautau, Monteiro & Borojevic, 2004 (Porifera: Calcarea). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

9.
Fernanda Fernandes Cavalcanti. Estudo de plasticidade morfológica de Chondrilla aff. nucula (Porifera, Demospongiae). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

10.
André Linhares Rossi. Filogenia molecular e evolução morfológica do gênero Clathrina. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

11.
Fernanda Correia Azevedo. Biodiversidade de esponjas (Porifera, Calcarea) de duas ilhas da Baía da Ilha Grande, RJ, Brasil.. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho de Ensino para Graduados e Pesquisa. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

Iniciação científica
1.
Bruna Guarabyra. Esponjas Calcareas da Polinésia Francesa.. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

2.
Thayane da Rosa Silva. Esponjas Calcareas da Ilha de Páscoa. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

3.
Bernardo Costa Martins Rodrigues da Cunha. Ascoleucetta do Caribe. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

4.
Caroliny de Sousa Leite. Esponjas Calcareas do Caribe. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas: Biotecnologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

5.
Viviane Campos da Silva Nunes. Esponjas Calcareas da costa oeste da Austrália. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

6.
Isabella Fabrim Guilhem. Esponjas Calcareas do Brasil. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

7.
Malena Carvalho da Costa. Biodiversidade de esponjas calcareas.. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Fundação Centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do RJ. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

8.
Natalia Sant'Anna da Silva. Esponjas Calcareas da costa oeste da Austrália. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas - Licenciatura Ou Bacharelado) - Universidade Federal do Rio de Janeiro. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.

9.
Juliana Tiemi Sato Fortuna. Esponjas marinhas (Porifera, Calcarea) da Venezuela. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Michelle Regina Lemos Klautau.



Inovação



Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Cursos de curta duração ministrados
1.
KLAUTAU, M.. Taxonomy of Calcareous Sponges. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

2.
PEREZ, T. ; KLAUTAU, M. ; BOURYESNAULT, N. ; VACELET, J. ; DIAZ, C. ; POMPONI, S. ; THACKER, R. ; ZEA, S. ; ERESKOVSKY, A. . TRAINING SCHOOL SPONGE BIODIVERSITY OF THE CARRIBEAN SEA : WORKSHOP IN « LA MARTINIQUE ». 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
KLAUTAU, MICHELLE; PEREZ, T. . II Workshop ABC/CNRS: o Laboratório Internacional Associado MARRIO. 2016. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/12/2018 às 22:21:48