Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6588260116927560
  • Última atualização do currículo em 13/07/2018


Possui graduação em Medicina pela Universidade Federal de Pernambuco (1982), Residência Médica em Reumatologia pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (1987) e Doutorado em Imunologia pela Universidade de São Paulo (1994), com parte do seu trabalho de doutorado desenvolvido no Massachusetts Institute of Technology, EUA, em colaboração com Dr. Susumu Tonegawa (1992). Atualmente, é médica pesquisadora no Laboratório de Imunologia do Instituto do Coração (InCor) e professora colaboradora da Disciplina de Imunologia Clínica e Alergia da FMUSP. No Laboratório de Imunologia do InCor é coordenadora da Unidade de Citometria de Fluxo e do Laboratório de Experimentação Animal, localizado no Instituto de Medicina Tropical. É orientadora de pós-graduação da Faculdade de Medicina. Suas principais linhas de pesquisa envolvem Imunologia de Transplantes, Autoimunidade, Proteínas de Choque Térmico, Células dendríticas, Células Tronco Mesenquimais, Terapia celular e Imunorregulação. É uma das pesquisadoras principais do Instituto de Investigação em Imunologia (iii), Instituto do Milênio - atual Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT), liderado pelo Prof. Jorge Kalil, no qual coordena projetos de pesquisa em Imunologia de Transplante, Autoimunidade, e Imunorregulação, assim como a plataforma de Ensino e Interação com a sociedade dentro do iii - INCT. Atualmente, realizando sabático no King's College London, desenvolvendo trabalho de colaboração em tolerância operacional e Biologia de Sistemas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho
Nome em citações bibliográficas
COELHO, V.;Coelho, Verônica;Coelho, V;Coelho, V.;Coelho, V. P.C.V.;Coelho, Verônica;Coelho V;Veronica Coelho

Endereço


Endereço Profissional
Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Instituto do Coração, Laboratório de Imunologia.
Av. Dr. Enéas de Carvalho, 44, Bloco II - 9º andar
Cerqueira César
05403-001 - Sao Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30695905
Fax: (11) 30829350
URL da Homepage: http://


Formação acadêmica/titulação


1991 - 1994
Doutorado em Imunologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
com período sanduíche em MIT - Massachusetts Institute of Technology (Orientador: Susumu Tonegawa).
Título: Célula T gama delta no transplante cardíaco: Estudo em humanos e em camundongos mutantes para o receptor de célula T, Ano de obtenção: 1994.
Orientador: Jorge Kalil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
1984 - 1987
Especialização - Residência médica.
Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, FMUSP, Brasil. Residência médica em:
Número do registro: .
1983 - 1983
Especialização em Reumatologia.
Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, FMUSP, Brasil.
1976 - 1982
Graduação em Medicina.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.




Formação Complementar


2013
Sabático. (Carga horária: 8000h).
King's College London, University of London, KCL, Grã-Bretanha.
2010 - 2010
Princípios de Boas Práticas de Laboratório - BPL. (Carga horária: 8h).
Meridional Quality Solutions, R&D, Brasil.
2010 - 2010
Citometria de Fluxo - FACSCantoII TM. (Carga horária: 21h).
Biosciences, BD, Brasil.
1982 - 1982
Atualização em Cirurgia Digestiva.
Academia Nacional de Medicina, ANM, Brasil.
1982 - 1982
Imunologia Clínica.
Academia Nacional de Medicina, ANM, Brasil.
1982 - 1982
Emergências em Pneumologia.
Academia Nacional de Medicina, ANM, Brasil.
1981 - 1981
1º Curso de Atualização em Medicina interna.
Hospital Geral da Santa Casa da Misericórdia, SANTACASARJ, Brasil.
1981 - 1981
Semiologia Neurológica.
Associação Médica de Pernambuco, AM/PE, Brasil.
1980 - 1980
Prevenção de Câncer.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
1979 - 1979
Choque.
Sociedade de Internos dos Hospitais de Recife, SIHR, Brasil.
1979 - 1979
Problemas Clínicos Mais Comuns em UTI.
Sociedade de Internos dos Hospitais de Recife, SIHR, Brasil.
1978 - 1978
Acupuntura.
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Gióas, UFG, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2012
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Sociedade Brasileira de Imunologia, SBI, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Membro, Enquadramento Funcional: Membro da Comissão de Ensino da SBI


Instituto de Investigação em Imunologia - Instituto Nacional de Ciência e T, III-INCT, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador Principal, Carga horária: 8


Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, FMUSP, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Orientadora de Pós Graduação, Carga horária: 10

Atividades

2000 - Atual
Treinamentos ministrados , Departamento de Clínica Médica, Disciplina de Imunologia Clínica e Alergia.

Treinamentos ministrados
Orientação de alunos de pós-graduação e pós-doutores
2000 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Departamento de Clínica Médica, Departamento de Clínica Médica.

Atividade realizada
Orientadora.
2000 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto do Coração, Coordenadoria de Aprimoramento de Pessoal.

Cargo ou função
coordenadora.
2000 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Hospital das Clínicas ? Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, .

Cargo ou função
Integrante da Comissão de Biossegurança em organismos geneticamente modificados - OGM.
1999 - Atual
Ensino, Imunologia Clínica e Alergia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Disciplina MCP 5795: Imunologia de Doenças Cardíacas

Instituto de Ciências Biomédicas, ICB-USP, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - 2006
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Orientadora de Pós-graduação, Carga horária: 10

Atividades

8/1996 - Atual
Ensino, Imunologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Disciplina MCP 5795: Imunologia de Doenças Cardíacas

Fundação de Saúde Amaury de Medeiros, FUSAM, Brasil.
Vínculo institucional

1979 - 1979
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Voluntária
Outras informações
Acadêmica voluntária da Unidade Mista Prof. Barros Lima, no Setor de Pediatria da Fundação de Saúde Amaury de Medeiros


Faculté de Médecine de Paris SUD, FMP, França.
Vínculo institucional

1979 - 1979
Vínculo: Técnica, Enquadramento Funcional: Técnica de Radioimunoensaio
Outras informações
Técnica de Radioimunoensaio, no Dèpartement de Pharmacologie Clinique de -Sud, realizado em Paris - França


Max-Planck-Institut fuer biophysikalische Chemie, MPIBPC, Alemanha.
Vínculo institucional

1979 - 1979
Vínculo: Técnica de Histologia, Enquadramento Funcional: Técnica de Histologia
Outras informações
Técnica de Histologia, com bolsa alemã, no Abteilung Neurobiologie no Max Planck Institut fur Biophysikalische Chemie, realizado em Göttingen - Alemanha


Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Vínculo institucional

1980 - 1981
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária
Outras informações
Estagiária nas atividades do Projeto de Saúde Comunitária da Várzea, da Universidade Federal de Pernambuco

Vínculo institucional

1977 - 1979
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estágiária
Outras informações
Estágio no Laboratório de Neuroendocrinologia, do Departamento de Fisiologia e Farmacologia da Universidade Federal de Pernambuco, com bolsa de Iniciação Científica do CNPq.


Instituto do Coração, INCOR, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Médica, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
MÉDICO ? para a Seção de Imunologia do Serviço do Laboratório de Pesquisa, do Instituto do Coração, Hospital das Clínicas

Vínculo institucional

1993 - Atual
Vínculo: Médica Assistente Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Médica Assistente, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
1) RESPONSÁVEL PELA UNIDADE DE CITOMETRIA DE FLUXO DO LABORATÓRIO DE IMUNOLOGIA DO INCOR. 2) RESPONSÁVEL PELO LABORATÓRIO DE EXPERIMENTAÇÃO ANIMAL DO LABORATÓRIO DE IMUNOLOGIA DO INCOR. 3) RESPONSÁVEL POR ALUNOS DE DOUTORADO, MESTRADO, APERFEIÇOAMENTO, INICIAÇÃO CIENTÍFICA, E TÉCNICOS DE NÍVEL MÉDIO E SUPERIOR. 4) COORDENADORA DO GRUPO DE PESQUISA COM PACIENTES LONGO TEMPO DE TRANSPLANTES E TOLERANTES OPERACIONAIS

Atividades

2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Imunologia, Laboratório de Imunologia.

Linhas de pesquisa
Imunologia de Transplantes
2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Imunologia, Laboratório de Imunologia.

Linhas de pesquisa
Imunorregulação
2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Imunologia, Laboratório de Imunologia.

Linhas de pesquisa
Autoimunidade Fisiológica
2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Imunologia, Laboratório de Imunologia.

Linhas de pesquisa
Células Dendríticas
2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Imunologia, Laboratório de Imunologia.

Linhas de pesquisa
Células Tronco Mesenquimais
2004 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Imunologia, Laboratório de Imunologia.

2000 - Atual
Direção e administração, Instituto do Coração, Programa de Aprimoramento.

Cargo ou função
Coordenadora e Supervisora do Programa CAP.


Linhas de pesquisa


1.
Imunologia de Transplantes

Objetivo: O transplante de órgãos permanece a principal opção terapêutica em casos de falência funcional irreversível de determinados órgãos, como rim, coração e fígado, prolongando significativamente a sobrevida dos pacientes e melhorando a sua qualidade de vida. Apesar de importantes progressos na prática dos transplantes, tanto no campo da terapia imunossupressora quanto na avaliação imunológica entre doador-receptor, as rejeições continuam sendo a principal limitação, e a doença crônica do enxerto permanece a principal causa de perda tardia do órgão transplantado. A despeito do enorme acúmulo de conhecimento sobre os mecanismos envolvidos nos processos de rejeição, ainda há muito a ser compreendido, principalmente sobre os fatores determinantes no desenvolvimento da doença crônica do enxerto e sobre os mecanismos envolvidos na aceitação do órgão em longo prazo. Há dados consistentes na literatura mostrando que a rejeição do aloenxerto envolve essencialmente respostas imunes adaptativas e que os linfócitos T desempenham um papel fundamental no seu desencadeamento. No entanto, nos últimos anos, tem sido mostrado que componentes celulares e moleculares da resposta imune inata também desempenham um papel importante nos processos de rejeição de aloenxertos, abrindo novas importantes questões sobre a imunobiologia dos transplantes alogeneicos. As pesquisas na área de transplante, em nosso grupo, envolvem estudos tanto em modelos experimentais murinos, como no sistema humano, abordando principalmente mecanismos envolvidos na doença crônica do enxerto, o papel da autoimunidade no transplante, células dendríticas e imunorregulação..
2.
Imunorregulação

Objetivo: O debate científico sobre como o organismo mantém a tolerância imunológica ao próprio permanece intenso e atual. A manutenção da homeostase imunológica é complexa e envolve múltiplos fatores mediados não apenas por linfócitos T, mas também outros tipos celulares como células B, células dendríticas e também anticorpos, e outros componentes séricos como micropartículas derivadas de células apoptóticas e de outras origens. A maioria dos pesquisadores concorda que a tolerância imunológica ao próprio seja um processo ativo que envolve cognição molecular durante a ontogenia dos linfócitos T no timo, chamada a Tolerância Central e mecanismos de regulação nos órgãos linfóides periféricos, durante toda a vida do indivíduo, chamada Tolerância periférica. As pesquisas que abordam a questão da imunorregulação, em nosso grupo, envolvem principalmente a auto-imunidade benéfica, células dendríticas, e as células T reguladoras, tanto no contexto do transplante, em modelos experimentais em camundongos e no sistema humano, como em condições fisiológicas..
3.
Autoimunidade Fisiológica

Objetivo: O conceito de autoimunidade muito mudou desde a descrição da Teoria da Seleção clonal por Burnet nos anos de 1950. Considerando o conceito original de autoimuninidade - a existência de receptores antigênicos no sistema imune, capazes de reconhecer suas próprias moléculas ? Burnet postulou que a auto- imunidade só ocorria em condições patológicas. Em diversos trabalhos experimentais foi mostrado, no entanto, que tanto a auto-reatividade humoral quanto celular ocorrem em indivíduos sadios, refutando esta afirmação da teoria de Burnet. O conceito de autoimunidade fisiológica e benéfica foi abordado em novas hipóteses de pesquisadores como Jerne, Coutinho e Cohen e tem sido utilizado como base para a pesquisa em diversos centros no mundo. Em nosso grupo, temos projetos de pesquisa abordando a questão da autoimunidade fisiológica e potencialmente indutora de imunorregulação, principalmente com os auto-antígenos, proteínas de choque térmico, miosina cardíaca e moléculas MHC. A melhor caracterização da auto-imunidade fisiológica poderá contribuir para a discriminação entre a autoimunidade patológica e benéfica..
4.
Células Dendríticas

Objetivo: As células dendríticas (DC) foram descritas nos anos 70 por Steinman e Cohn. Essas células são consideradas células apresentadoras de antígenos profissionais, capazes de ativar células T virgens e também têm papel na regulação de ambas as respostas imunes, inata e adaptativa. Além da importância das DCs na indução de uma resposta imune inflamatória, tem sido muito discutido que, dentro de determinados contextos, elas têm capacidade de induzir uma resposta imune supressora, principalmente as DCs imaturas. As DCs com atividade tolerogênica oferecem um enorme potencial terapêutico para a indução de tolerância imunológica em contextos como no transplante aolgenéico e em doenças autoimunes. Em nosso grupo, temos pesquisado o potencial imunorregulador das DCs imaturas, no sistema humano e em modelos experimentais de transplante murino..
5.
Células Tronco Mesenquimais

Objetivo: As células tronco são células indiferenciadas que retêm a capacidade de divisão e de diferenciação em diferentes tipos celulares. As células tronco embrionárias são pluripotentes ? capazes de se diferenciar em células dos 3 folhetos germinativos (endoderma, ectoderma e mesoderma) ? enquanto as células tronco adultas são multipotentes ? capazes de se diferenciar em alguns tipos celulares, mas não outros. Assim, essas células têm o potencial de reparação de tecidos lesados e de geração de novos tecidos. Apesar das pesquisas sobre as células tronco datarem dos anos 60, nos últimos anos, houve uma explosão de estudos sobre o potencial dessas células em terapia celular em diversas doenças, entre elas, doenças cardíacas, doenças neurológicas, neoplasias e doenças autoimunes, e são inúmeros os ensaios clínicos de fase I, II e III em andamento. Em muitos desses ensaios, são utilizadas as células tronco adultas hematopoiéticas, pela maior facilidade de obtenção e por gerarem menor controvérsia em relação a questões éticas. Diversos grupos de pesquisa têm investigado os possíveis mecanismos envolvidos nas atividades terapêuticas das células tronco, porém há importantes lacunas de conhecimento e muitas controvérsias, inclusive em relação aos efeitos imunológicos dessas células. Em nosso laboratório, começamos a investigar as modificações imunológicas em pacientes com doença isquêmica crônica do coração, tratados com células da medula óssea, em um ensaios clínico em andamento no Instituto do Coração, assim como a potencial atividade imunossupressora de células tronco mesenquimais de medula óssea e de tecido adiposo..
6.
Proteínas de choque térmico

Objetivo: As proteínas de choque térmico (Hsp) são famílias de moléculas filogeneticamente conservadas envolvidas em várias funções importantes na manutenção da homeostase. Além do papel de chaperonas intracelulares, auxiliando no dobramento e desdobramento de proteínas, e transporte de peptídeos, elas atuam na ativação das respostas imunes inata e adaptativa, sendo muitas vezes considerada como um sinal de perigo ao sistema imune. Dentre as Hsp, a Hsp60 tem sido muito estudada em diversos modelos de doenças auto-imunes e freqüentemente implicada na sua patogênese. Por outro lado, dados da literatura e também do nosso grupo apontam para um papel imunorregulador da Hsp60. Nos projetos de pesquisas de nosso grupo, temos utilizando como base conceitual a hipótese de que a autoreatividade às Hsp seja importante na manutenção da homeostase e na regulação da resposta imune, e que possam ser utilizadas para estratégias terapêuticas de imunorregulação no contexto do alotransplante. Deste modo, procuramos identificar peptídeos e regiões da Hsp60 com atividade imunorreguladora visando a sua utilização para a indução de tolerância em modelos experimentais de transplante e posteriormente em humanos. Também estudamos os possíveis mecanismos envolvidos na sua atividade imunorreguladora..


Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Identificação de correlatos de proteção na infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV)
Descrição: A maioria dos indivíduos infectados pelo HIV desenvolvem AIDS dentro de poucos anos, um processo associado à ativação imune crônica, a replicação viral persistente, e um declínio acentuado de células T CD4+. No entanto, um pequeno grupo de indivíduos infectados pelo HIV (0.3%), os controladores de elite (ECs), são capazes de controlar a replicação viral e manter a contagem de CD4 dentro da normalidade por mais de 7 anos sem tratamento anti-retroviral (ART). Embora os mecanismos responsáveis pelo controle da replicação do HIV em ECs permanecem mal definidos, vários fatores genéticos do hospedeiro ligados à qualidade da resposta imune inata e adaptiva, bem como fatores virais, têm sido propostos como fatores envolvidos no controle viral. Estudos realizados por vários grupos usaram biologia de sistemas para identificar mecanismos envolvidos na persistência das células T de memória. A persistência das células T de memória funcional representa a base para uma proteção de longa duração em indivíduos após a exposição a patógenos. ECs desenvolvem respostas de células T de memória polifuncionais e potentes, que são provavelmente mecanismos cruciais para o controle da replicação do HIV e progressão da doença na ausência de ART. Recentemente, realizamos um estudo de microarranjo de cDNA de subpopulações de células T CD4+ de memória central e memória efetora de indivíduos infectados pelo HIV controladores de Elite (EC) e tratados com sucesso (ST). A análise de nossos resultados mostrou que a via de sinalização Wnt/beta-catenina estava aumentada em células T de memória de EC comparada às de ST. O aumento da via Wnt pode levar ao recrutamento de beta-catenina para o núcleo e a transcrição de moléculas anti-apoptóticas, incluindo Bcl-2 e Bcl-xL, que irão promover a sobrevivência celular. Diante disso, o objetivo dessa proposta é investigar a via de sinalização Wnt/beta-catenina como um potencial correlato de proteção na infecção pelo HIV, estando envolvida na manutenção de células.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Jorge Kalil - Integrante / Simone Gonçalves da Fonseca - Integrante / Sandra do Lago Moares - Integrante / Leda Jamal - Integrante.
2013 - Atual
Rede Brasileira para análise da instabilidade de células-tronco mesenquimais e Análise da proliferação e diferenciação osteoblástica de células-tronco in vitro associada à análise de instabilidade genética
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Silvia Regina Batistuzzo de Medeiros - Integrante.
2012 - Atual
Busca de moléculas efetivas na geração, expansão, sobrevivência e atividade funcional de células T reguladoras humanas naturais e induzidas
Descrição: As células T reguladoras (Treg) naturais e induzidas são fundamentais para a manutenção da homeostase do organismo e têm grande potencial de aplicação na clínica para a indução de tolerância no contexto de doenças autoimunes e nos transplantes. Apesar do grande investimento na geração de células Treg, in vitro, é necessário desenvolver protocolos otimizados para viabilizar, de forma mais consistente, a terapia celular com as Treg, na clínica. São necessárias estratégias otimizadas para a sua geração, expansão, assim como para aumentar a sua sobrevivência e incrementar/estabilizar a sua atividade supressora. O grupo do pesquisador Juan Lafaille identificou que a forma estável da beta-catenina é importante fator no aumento da sobrevida e intensidade supressora das células T reguladoras CD4/CD25/Foxp3+, no sistema murino, mas não se sabe se o mesmo ocorre com as Treg humanas. Ademais, em trabalhos anteriores do nosso grupo (FAPESP: Processos 07/59766-1R e 03/04721-2), identificamos algumas moléculas com atividade potencialmente imunorreguladora (as vitaminas A e D, e o peptídeo N7 da proteína de choque térmico 60 - Hsp60). Nosso objetivo é determinar se essas moléculas têm atividade biológica sobre as células T reguladoras humanas, naturais e induzidas, com capacidade de induzir a sua geração, expansão, sobrevivência e/ou incrementar a sua atividade supressora, in vitro, visando futura aplicação clínica, em terapia celular..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Ana Maria Caetano de Faria - Integrante / Luiza Guglielmi - Integrante / J. Kalil - Integrante / Alessandra Schanoski - Integrante / Juan Lafaille - Integrante / simone Fonseca - Integrante.
2012 - Atual
Cinética dos anticorpos HLA no pós-transplante renal - impacto na rejeição aguda e na perda crônica do enxerto
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Maria Cristina Ribeiro de Castro - Integrante / Erick Barbosa - Integrante.
2012 - Atual
NETCEM - Núcleo de Estudos e Terapia Celular e Molecular
Descrição: Esta proposta constitui-se em um compromisso de natureza permanente, capaz de originar um centro multi-institucional e multidisciplinar da Universidade de São Paulo, voltado às ciências biológicas e médicas celular e molecular. A estratégia do núcleo será priorizar projetos de grande envergadura, somente possíveis com a contribuição de vários grupos, pautados na multidisciplinaridade, na complementaridade de competências, na interação induzida, nos recursos da concessão potencial, na infra-estrutura associada ao núcleo e nas contrapartidas institucionais. Prevemos que a interação constante dos grupos e competências culmine em propostas inovadoras de medicina regenerativa e terapia gênica. Os pesquisadores participantes se comprometem a dedicar um mínimo de oito horas presenciais ao mês para a construção do núcleo. Os primeiros seis a doze meses serão utilizados para a realização de reuniões com vista à definição dos projetos prioritários, naturalmente relacionados às linhas celular e molecular mencionadas. Esta fase se seguirá do aporte de recursos financeiros e humanos vinculados a este auxílio às unidades/laboratórios pertinentes às operações propostas. Trabalharemos com uma forte integração e otimização de equipamentos e recursos, antecipando uma relevante geração de conhecimentos científicos e tecnológicos, bem como formação de recursos humanos. Patentes potenciais advindas deste auxílio serão transferidas à atividade pública e privada e exploradas seguindo as normas da Universidade de São Paulo. No médio prazo, esta operação poderá amparar um programa de pós-graduação em biologia e medicina celular e molecular. Julgamos, por fim, que a constituição do NETCEM também poderá abrigar projetos de parceria universidade-setor privado, ampliando o processo de geração e transferência de conhecimentos, assim como o suporte financeiro ao núcleo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Irene Noronha - Integrante / Roger Chammas - Integrante / Luiz Fernando Onuchic - Coordenador / Suely Kasue Nagahashi Marie - Integrante / Maria Lúcia Correa Gianella - Integrante / Berenice Bilharinho de Mendonça - Integrante / Irene de Lourdes Noronha - Integrante / Ana Claudia Latronico - Integrante / Miguel Srougi - Integrante / Luiz Augusto Carneiro D?Albuquerque - Integrante / Tarcísio Eloy Pessoa de Barros Filho - Integrante / William Carlos Nahas - Integrante / Marcos Castro Ferreira - Integrante / Marisa Dolhnikoff - Integrante / Kátia Ramos Moreira Leite - Integrante / Mari Cleide Sogayar - Integrante / Henning Ulrich - Integrante / José Alexandre Barbuto - Integrante / Maria Angélica Miglino - Integrante / Patrícia Cristina Baleeiro Beltrão Braga - Integrante / Luís Henrique Wolff Gowdak - Integrante / César Isaac - Integrante / Vanderson Rocha - Integrante.
2010 - 2012
Estudo da resposta imune celular e humoral na terapia celular com células mononucleares autologas da medula óssea para tratamento de pacientes com doença isquêmica crítica coração

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jorge Elias Kalil Filho em 08/02/2013.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Hernandez Moura Silva - Integrante / Maristela Oliveira Hernandez - Integrante / J. Kalil - Coordenador / JANAÍNA BATISTA - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2010 - 2012
Direcionamento in vivo de células dendríticas com peptídeo de Hsp60 para indução de tolerância do transplante alogênico murino
Descrição: Protocolos para indução de tolerância imunológica têm sido alvo de pesquisa de muitos imunologistas visando prolongar a sobrevida de enxertos alogênicos. Neste projeto temos a finalidade de avaliar o potencial tolerogênico da proteína do choque térmico (Hsp60) e das células dendríticas no contexto do aloenxerto murino. Esse efeito será avaliado utilizando-se a estratégia de direcionamento in vivo pela administração do anticorpo anti-DEC-205 acoplado aos peptídeos da Hsp60, N3 e N7, e assim como pela injeção de células dendríticas imaturas (iDC) do doador cultivadas em interleucina-10 na presença dos peptídeos N3 e N7. Esses efeitos serão avaliados segundo análises histopatológicas de enxertos e imunohistoquímica, quando necessário, análise de marcadores de células T reguladoras e um painel de moléculas associadas à imunorregulação nos animais transplantados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Ana Maria Caetano de Faria - Integrante / Luiza Guglielmi - Integrante / J. Kalil - Integrante / Alessandra Schanoski - Integrante / Juan Lafaille - Integrante / simone Fonseca - Integrante.
2010 - 2012
Percepção Pública da Saúde
Descrição: O presente trabalho de pesquisa tem o objetivo de reunir informações acerca da percepção pública da C&T na área da saúde no Estado de São Paulo, a fim de obter subsídios para a elaboração de políticas públicas voltadas para o Sistema Único de Saúde (SUS). Os dados serão obtidos por meio de um survey de percepção pública da ciência, adaptado para o tema em questão. A base metodológica do survey segue os trabalhos já realizados há cerca de uma década pelo Lajor/Unicamp, juntamente com outras instituições da Ibero-América, em percepção pública da ciência e da tecnologia (na qual o tema saúde está inserido). Os resultados deste trabalho pretendem auxiliar na formulação de estratégias de comunicação e de divulgação científica da saúde que, além de promovem uma maior difusão do conhecimento sobre o tema junto à população, fortaleçam o sistema de gestão na área..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Carlos Vogt - Coordenador / Simone Pallone de Figueiredo - Integrante / Rodrigo Cunha - Integrante / Ana Paula Morales - Integrante / Milagros Varguez - Integrante / Samuel Antenor - Integrante / Cristiane Gonçalves - Integrante / Aluisio Segurado Cotrim - Integrante / Patrícia Santos - Integrante / Luiza Sterman Heimann - Integrante / Márcio Derbli - Integrante.
2010 - Atual
Criação do Núcleo de Excelência em Biofármacos e Imunogenômica
Descrição: Descrição: A proposta prevê a consolidação do núcleo de Biofármacos e imunogenômica com a participação de pesquisadores da UnB, da UCB, da USP e da UFMS. O projeto de pesquisa que consolida essa união é intitulado: Desenvolvimento de biofármacos e caracterização biológica dos efeitos imunorreguladores de anticorpos anti-CD3 , que visa a caracterização de anticorpos específicos para o antígeno CD3 presente em linfócitos humanos como biofármaco com potencial imunoregulador. Dados da literatura e do grupo apontam esse tipo de anticorpo como um grande candidato como imunoregulador, capaz de reduzir rejeição a enxertos e agressões autoimunes devido a um mecanismo de indução de tolerância operacional. O projeto prevê três abordagens. A primeira, de imunorregulação, utilizará a metodologia de transcritômica de alto desempenho para estudar e comparar a reprogramação genética em linfócitos humanos, uma vez submetidos ao tratamento com anticorpos recombinantes anti-CD3. Nesse caso serão comparados os padrões de expressão gênica desses linfócitos com aqueles observados em linfócitos de pacientes transplantados tolerantes. Em outra abordagem, será analisada a estrutura dos anticorpos recombinantes e o mecanismo de ligação ao antígeno CD3. Essa proposta objetiva a descrição dos parâmetros termodinâmicos relativos a estabilidade da molécula de anticorpos recombinantes e interação com o antígeno, além da determinação da estrutura tri-dimensional do complexo antígeno-anticorpo. Em uma terceira linha de ação, serão gerados novos anticorpos anti-CD3, utilizando-se novas tecnologias de prospecção por phage-display. Por fim os sub-projetos devem subsidiar a compreensão do efeito imunoregulatório dos anti-CD3 além de gerar moléculas mais robustas e com potencial terapêutico. Após sua conclusão os anticorpos candidatos serão repassados para nosso parceiro produtivo, que tem interesse de produzir esses insumos...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Andrea Maranhão - Integrante / Marcelo Brígido - Coordenador / Maria Emília Machado Telles Walter - Integrante / Nalvo Franco de AlmeidaJúnior - Integrante.
2009 - 2012
Alternativas Terapêuticas nas Doenças Inflamatórias do Trato Gastro-intestinal (PRONEX-FAPEMIG)
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Ana Maria Caetano de Faria - Coordenador / Anderson Miyoshi - Integrante / Denise Carmona Cara Machado - Integrante / Mariléia Chaves Andrade - Integrante / Ana Cristina Gomes-Santos - Integrante / Donna-Marie McCafferty - Integrante / Carlos Chavez Olortegui - Integrante.
2008 - 2012
Células Tronco Mesenquimais e Células T reguladoras do Tecido Adiposo Humano: Interação e Imunorregulação (CNPq 574085/2008-4)
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Jorge Kalil - Integrante / David Saitovitch - Integrante / Luiza Guglielmi - Integrante / Kellen Faé - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2011
Imunorregulação e a Proteína de Choque Térmico 60: bases moleculares da atividade supressoraora (FAPESP 07/59766-1R)
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2008 - Atual
iii-INCT - Instituto de Investigação em Imunologia - Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia - Fase III

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jorge Elias Kalil Filho em 08/02/2013.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / M M BRÍGIDO - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L V RIZZO - Integrante / A M R JESUS - Integrante / C BRODSKYN - Integrante / J V WEYENBERGH - Integrante / L K ARRUDA - Integrante / M R CARDOSO - Integrante / Jorge Kalil - Coordenador / Aluisio Cotrim Segurado - Integrante / Gustavo P. Amarante-Mendes - Integrante / Ana Maria Moro - Integrante / Aldina M P Barral - Integrante / Ana Maria Caetano de Faria - Integrante / Andrea Maranhão - Integrante / Fabio Castro - Integrante / Brigido, M. M. - Integrante / SAITOVITCH, DAVID - Integrante / Amélia Maria Ribeiro de Jesus - Integrante / Edecio Cunha-Neto - Integrante / Francisco Inacio Bastos - Integrante / Luiza Guilherme - Integrante / Luiz Carlos de Sá Rocha - Integrante / Roque Almeida - Integrante.
2006 - 2009
Autorreatividade humoral à miosina cardíaca e à proteína de choque térmico: estudo seqüencial em transplantados e indivíduos sadios
Descrição: A auto-reatividade dirigida à miosina cardíaca e à proteína de choque térmico (Hsp) tem sido implicada na patogênese de doenças auto-imunes e na rejeição de alotransplantes. Apesar deste papel pró-inflamatório, há dados na literatura que apontam também um papel imunorregulador para a auto- reatividade. Até o momento, não há parâmetros claros de discriminação entre a auto-reatividade potencialmente inflamatória e imunorreguladora; porém, é discutido se a auto-reatividade dirigida a diferentes regiões dessas proteínas poderia induzir respostas imunes funcionalmente distintas. Levantamos a hipótese de que auto-anticorpos dirigidos contra diferentes regiões dessas proteínas possam estar associados com diferentes evoluções clínicas do transplante cardíaco e que existam diferentes padrões de auto-reatividade no transplante e em condições fisiológicas, em indivíduos saudáveis. A identificação de auto-anticorpos dirigidos a determinados epitopos da miosina cardíaca e da Hsp60, mais associados com rejeição poderá trazer contribuições relevantes tanto para a compreensão da auto-reatividade no transplante como para novas estratégias diagnósticas de rejeição no futuro. Neste estudo, analisaremos, em amostras seqüenciais retrospectivas e prospectivas de 45 indivíduos transplantados cardíacos e 30 indivíduos sadios, a reatividade de auto-anticorpos dirigidos a peptídeos da fração S2 da miosina cardíaca humana e a peptídeos das diferentes regiões da Hsp60..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Jorge Kalil - Integrante / Hui Tzu Lin-Wang - Integrante / Fernando Bacal - Integrante / Madaleine Cunningham - Integrante.
2005 - 2008
Papel da proteína quiescina sulfidril oxidase (QSOX) no direcionamento funcional da resposta imune na aterosclerose
Descrição: A quiescina/sulfidril oxidase (QSOX) é uma enzima da superfamília da tiorredoxina, presente principalmente no meio extracelular de vários tecidos, e com papel potencial na formação de pontes dissulfeto intramoleculares em proteínas. Embora sua função fisiológica não seja ainda conhecida, a paráloga QSOXN sensibiliza células de neuroblastoma à apoptose induzida por IFN-. Estudos em andamento no nosso laboratório mostraram expressão da QSOX em tecido vascular no homem e rato. Recentemente mostramos também presença importante da QSOX em micropartículas (MPs) do sangue periférico de pacientes portadores de aterosclerose coronariana, em grau maior do que o observado em voluntários sadios. MPs são estruturas vesiculares, possivelmente envolvidas na eferocitose de células apoptóticas, e que têm atividade imunomoduladora. MPs circulantes estão aumentadas em diversas etapas da aterosclerose, particularmente nas síndromes agudas decorrentes de lesão e trombose da placa, e têm potencial papel na ativação celular de monócitos/macrófagos, linfócitos e células endoteliais, bem como na sensibilização à apoptose destas últimas. Nesta situação, a geração de MPs coexiste com aumento na oxidação da LDL da placa e possivelmente circulante. Dentre inúmeras ações, a LDL oxidada tem forte potencial imunógeno centrado na apolipoproteína B e induz resposta humoral e celular. Esta situação constitui cenário adequado para testar a hipótese de que a QSOX, tanto presente nas MPs como solúvel, exerce papel na depressão da resposta imune celular, uma ação devida ao possível efeito redox-dependente na estrutura terciária ou quaternária de epítopos antigênicos, bem como em receptores ou alvos intracelulares. Com efeito, QSOX é bastante expressa em sistemas biológicos que requerem certa imunotolerância, tais como leite materno, sêmen e clara de ovo. O objetivo do presente trabalho é estudar a participação da QSOX purificada ou presente em MPs no direcionamento funcional da resposta de célula.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Cláudia Roberta de Andrade - Coordenador / Francisco R. M. Laurindo - Integrante / Lia Nakao - Integrante.
2005 - 2008
Instituto de Investigação em Imunologia iii - Instituto do Milênio - Fase II
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador.
2005 - Atual
Análise da atividade imunorreguladora do veneno de Lachesis muta na resposta imune celular em camundongos
Descrição: Neste projeto, nos propomos a investigar o mecanismo de imunossupressão do veneno de L. muta, sobre as respostas imunes humoral e celular, em diferentes linhagens de camundongos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Monica SpadaforaFerreira - Coordenador / Osvaldo Augusto Sant'Anna - Integrante / Luciana Vieira de Moraes - Integrante / Aparecida Santo Pietro Pereira - Integrante / Fábio Carlos Magnoli - Integrante / Denise Vilarinho Tambourgi - Integrante / Sonia de Andrade Chudzinski - Integrante.
Financiador(es): Centro de Toxinologia Aplicada - Cooperação / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2004 - 2008
Phage Display e o Sistema Imunológico - Identificação de alvos terapêutico e diagnóstios em desordens envolvendo sistema imune. (FAPESP Temático 04/02721-8R)
Descrição: Phage display de peptídios é uma poderosa ferramenta que, utilizando bacteriófagos (vírus de bactéria) geneticamente modificados para expressar sequências de pequenos peptídios na sua superfície, permite ao pesquisador varrer células, tecidos ou órgãos em busca de pares receptores-ligantes. Os ligantes são os peptídios identificados que se ligam a receptores presentes no alvo em estudo. O sistema do phage display funciona, portanto, com "nanopartículas biológicas", capazes de interagir com o meio através de pequenos peptídios expressos na sua superfície. Como a informação codificadora da seqüência do peptídio está contida no genoma do bacteriófago, uma única partícula viral ligada à superfíce de uma célula ou tecido pode ser recuperada por infecção bacteriana, e o peptídio responsável identificado. Poucas técnicas permitem estudar interações moleculares de uma única molécula ou célula, sem nenhum conhecimento prévio sobre a natureza da mesma. O objetivo deste projeto é estabelecer uma rede de conhecimento e massa crítica em torno da tecnologia do phage display. A metodologia será empregada em suas mais diversas formas, tendo como tema e ponto central o sistema imune e seus componentes. Serão abordados neste projeto as seguintes questões: (i) a identificação de epitopos de resposta humoral (IgG) a Papilomavírus e na rejeição renal vascular aguda (componente A), (ii) a identificação de epitopos de células T CD4+ auto-imunes, envolvidos na patogênese da febre reumática (componente B), (iii) células endoteliais e o processo inflamatório na aterosclerose (componente C), (iv) linfócitos B1 e modulação do crescimento tumoral (componente D), (v) a identificação de novos marcadores moleculares de células T reguladoras CD4+ CD25+ do timo humano, potencialmente envolvidos na maturação e atividade dessas células (componente E), (vi) estudos por ressonância magnética nuclear (RMN) do comportamento estrutural e caracterização dos principais resíduos de aminoácidos envolvidos na i.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (3) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / R A SILVA - Integrante / L Guilherme - Integrante / J BESSA - Integrante / R J GIORDANO - Integrante / KALIL J - Coordenador / Georgia Porto - Integrante / Luisa Lina Villa - Integrante / Beatriz Stolf - Integrante / Andrea Trevisan - Integrante / José Daniel Lopes - Integrante / Fernanda Staquicini - Integrante / Aline Madeleine Morgado de Araújo - Integrante / Fabiana Aliperti - Integrante / Fábio C. L. de Almeida - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2004 - 2008
Acoplamento do estresse no retículo endoplasmático ao estresse oxidativo (FAPESP 2004/13683-0)
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Cláudia Roberta de Andrade - Integrante / Francisco R. M. Laurindo - Coordenador.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2004 - Atual
AMPLE - Anticorpos Monoclonais e Policlonais em Larga Escala
Descrição: Financiado pelo Edital de Anticorpos do Programa de Biotecnologia da FINEP, este projeto está sendo iniciado, na busca de ferramentas imunoterapêuticas. Tem a finalidade de gerar produtos para o mercado, como anticorpos monoclonal e policlonal para o controle de rejeição de transplantes (atualmente importados pelo Ministério da Saúde) e um soro policlonal novo, para neutralização de acidentes por abelhas. Conta a participação de laboratório do Instituto Butantan e de outras instituições, como o Laboratório de Imunologia do InCor (Dr. Jorge Kalil), Centro de Estudos de Insetos Sociais da UNESP Rio Claro (Dr. Mario Palma), Centro de Pesquisas Gonçalo Muniz, IOC-Bahia (Dr. Johan Van Weyenbergh)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / J Kalil - Integrante / J V WEYENBERGH - Integrante / O MALASPINA - Integrante / Mario Palma - Integrante / Maria Teresa Alves Rodrigues - Integrante / Hisako G Higashi - Integrante / Marco Antonio Stephano - Integrante / Roxane Piazza - Integrante / Ana Maria Moro - Coordenador.
Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro / Instituto Butantan - Cooperação / Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Cooperação / Centro de Pesquisa Gonçalo Moniz-FIOCRUZ - Cooperação / Laboratório de Imunologia - InCor - Cooperação.
2003 - 2008
Identificação de Marcadores Moleculares para Células T Reguladoras com perfil CD4+25+ por Phage Display
Descrição: Muitos estudos têm direcionado a atenção para o papel da população de células T reguladoras e a manutenção da tolerância ao próprio. No início da década de 70, estudos verificaram que algumas células possuíam a função de regular e/ou inibir a ativação da resposta imune exacerbada ou lesiva ao organismo. Estas células foram definidas como T reguladoras, e se distinguiam da classe de linfócitos T auxiliares e dos T citotóxicos. Atualmente, admite-se que as células T com o fenótipo CD4+CD25+ parecem estar mais diretamente relacionadas com o processo de regulação e ser desenvolvidas continuamente como uma linhagem T comum no timo (Itoh, M, Sakagushi S. 1999). Muito conhecimento vem sendo gerado nesta última década sobre o papel regulador das células T CD4+CD25+ que emergem do timo. Entretanto, diversas questões ainda não foram respondidas sobre a atividade supressora/reguladora destas células. Como estas células são educadas, geradas e mantidas? Quais marcadores podem ser usados para identificar esta subpopulação reguladora? Como estas células executam seu papel supressor? Como funciona a especificidade destas células? Como elas reconhecem uma resposta imune produtiva ou protetora de uma resposta deletéria? E mesmo se as células reguladoras podem ser reguladas? A investigação dessas questões nesta subpopulação celular CD4+CD25+ pode trazer informações importantes sobre a atividade reguladora do sistema imune. Neste sentido, considerando as contribuições que o sistema de phage display trouxe para a identificação de novas moléculas em outros sistemas, e com a maior sensibilidade que a metodologia BRASIL oferece, acreditamos que ele possa ser usado para responder algumas destas perguntas. Neste projeto buscaremos, através do sistema de phage display e usando a metodologia BRASIL, a identificação de moléculas presentes nos timócitos que possam estar envolvidas na regulação da resposta imune, marcadores das células T reguladoras CD4+CD25+ no timo, e moléculas presentes.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Jorge Kalil - Integrante / Georgia Porto - Integrante.
2003 - 2007
Colaboradora do projeto:Identificação de novos fatores moleculares na patogênese da aterosclerose
Descrição: A aterosclerose é uma inflamação crônica das grandes artérias, que pode evoluir clinicamente para inflamação aguda com ruptura da placa de ateroma e trombose. A área lesionada geralmente ocorre nas bifurcações das artérias onde a pressão sangüínea é maior fragilizando a parede da artéria . Para entender a patogênese da aterosclerose, primeiro é necessário entender a estrutura e biologia de uma artéria normal e suas células . As paredes dos vasos sangüíneos são constituídas basicamente de células endoteliais, células do músculo liso, matriz extracelular, colágeno e proteoglicanos. O início do processo de formação da placa de ateroma é o acúmulo de lipoproteina de baixa densidade (LDL), que estimula as células endoteliais presentes na camada íntima da artéria a expressar moléculas de adesão a leucócitos como VCAM-1 e ICAM-1, secreção de quimiocinas como MCP-1, IP-10, MIG, e I-TAC que promove a migração de monócitos e linfócitos. Estes são estimulados a produzir IFN-g, TNF-a, promovendo inflamação, e TGF-b que promove remodelamento e fibrose A doença é caracterizada pelo recrutamento de monócitos e linfócitos, mas não de neutrófilos para a parede íntima da artéria. Os monócitos que foram recrutados tornam-se macrófagos englobando lipídeos graças aos seus receptores "scavenger" tornando-se células espumosas(do inglês: "foam cells"). Estas se rompem formando as placas de ateroma, o mesmo acontece com algumas células do músculo liso que penetram na íntima e também se transformam em células espumosas. Devido a natureza inflamatória da doença, vários grupos têm buscado associação entre infecções e desenvolvimento da aterosclerose. Herpesvírus, citomegalovírus assim como Chlamydia pneumoniae também têm sido detectados em placas ateromatosas humanas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / J Kalil - Coordenador / R A SILVA - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L Guilherme - Integrante / S G FONSECA - Integrante / A M B BILATE - Integrante / R J GIORDANO - Integrante / S A DRIGO - Integrante / B. Caramelli - Integrante / T. Bacchella - Integrante / P. P. Leao - Integrante / V. Z. Rocha - Integrante / D. Ikeoka - Integrante / Beatriz Stolf - Integrante.
2003 - 2007
Fase I do estudo da aplicação de vacina de DNA-HSP65
Descrição: Estudo clínco de fase 1 de injeção intratumoral de vacina de DNA HSP65 em pacientes portadores de carcinoma epídermóide de cabeça e pescoço, refratários aos tratamentos habituais. Projeto aprovado pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa - CONEP/MS, parecer número 1308/02.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / C L Silva - Integrante / K A ABDALLAH - Integrante / Jorge Kalil - Integrante / Pedro Michaluart Junior - Coordenador / Alberto R Ferraz - Integrante / Rodney Smith - Integrante / Fanny Dantas - Integrante / Raquel A Moyses - Integrante.
2003 - 2004
Estudo dos repertórios de linfócitos T reativos à proteína de choque térmico no transplante humano e murino
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador.
2002 - Atual
Rede TB
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações - Auxílio financeiro.
2001 - 2006
Papel do polimorfismo genético na resposta imune em humanos: abordagem por genotipagem e análise de expressão gênica
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / A C GOLDBERG - Coordenador / L Guilherme - Integrante / Jorge Kalil - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2001 - 2005
Análise do polimorfismo genético de citocinas e fatores de crescimento na aterosclerose do enxerto renal e cardíaco
Descrição: A rejeição crônica, assim como a rejeição aguda, é desencadeada por uma resposta alogeneica do receptor frente a células do enxerto. Este processo inflamatório nos vasos do enxerto, à semelhança da aterosclerose, apresenta características clínicas e histológicas particulares que acarretam desde diminuição da função até falência do órgão. Nesse sentido, é importante o estudo do papel da resposta imunológica no desenvolvimento da rejeição crônica. É nosso objetivo identificar os fatores genéticos de suscetibilidade que contribuem para a instalação da aterosclerose do enxerto. Já foram descritas algumas associações entre polimorfismo quantitativo de genes de citocinas e o resultado clínico do transplante, seja no desenvolvimento de rejeição aguda ou crônica. O alvo deste projeto é a avaliação do papel do polimorfismo genético nos padrões individuais de resposta alogeneica na presença ou ausência da aterosclerose do enxerto. A escolha recaiu sobre fatores indiscutivelmente associados à regulação da resposta inflamatória crônica: TGF-b1, IL-10 e IFN-g, cuja genotipagem será feita em pares de receptor: doador de transplante renal e de receptores de transplante cardíaco; provenientes do Hospital das Clínicas da FMUSP. Estes pacientes são parte de um estudo no bojo de um projeto maior (FINEP-66960717/00), em andamento, sobre os mecanismos imunológicos celulares e moleculares da lesão vascular do enxerto..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / A C GOLDBERG - Coordenador / RAFAEL IOSCHPE - Integrante / Jorge Kalil - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro / Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
2001 - 2005
Instituto de Investigação em Imunologia - iii - Instituto do Milênio
Descrição: A proposta deste Instituto é formar imunologistas clínicos-pesquisadores e pesquisadores básicos voltados para problemas da imunologia médica, treinados em uma plataforma multi e interdisciplinar, capazes de identificar e aplicar abordagens conceituais e metodológicas adequadas para novos problemas em Imunologia Clínica. A formação dos clínicos-pesquisadores será com base no paradigma de pesquisa da medicina molecular, baseada em dados científicos e respeitando normas internacionais de bioética. A formação integrada com pesquisadores em áreas conexas à Imunologia Clínica, contribuirá para manter a massa crítica científica na área e para construir a necessária base biotecnológica. A programação para a formação desses novos profissionais envolverá o aprendizado técnico, científico, pedagógico e ético, através de treinamento continuado, com grupos de discussão sobre o estado da arte das diversas áreas do projeto, análise crítica de artigos científicos e dos resultados obtidos nos subprojetos, participação em reuniões científicas, e o intenso intercâmbio entre os diversos centros participantes do iii. Estima-se que dentro do Instituto serão formados aproximadamente, 34 alunos de mestrado, 39 de doutorado, 19 pós-doutorandos, 52 alunos de iniciação científica e 18 residentes e 34 estagiários especialistas.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (10) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (10) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / J Kalil - Coordenador / A M MORO - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L Guilherme - Integrante / I RAW - Integrante / L V RIZZO - Integrante / M T BARROS - Integrante / A M BARRAL - Integrante / A M R JESUS - Integrante / C BRODSKYN - Integrante / E M CARVALHO - Integrante / F M CASTRO - Integrante / J V WEYENBERGH - Integrante / K A ABDALLAH - Integrante / L K ARRUDA - Integrante / M B NETO - Integrante / M I A S ARAUJO - Integrante / M R CARDOSO - Integrante / O MALASPINA - Integrante / R P ALMEIDA - Integrante / V P L FERRIANI - Integrante / M M Brigido - Integrante / ALavaro A. Cruz - Integrante / Gustavo P. Amarante-Mendes - Integrante / Mario Palma - Integrante / Sérgio Costa Oliveira - Integrante / Luiz Augusto Marcondes - Integrante / Katsuhiro Konno - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2001 - 2005
Instituto de investigação em Imunologia ? iii ? Instituto do Milênio- FaseI
Descrição: O Instituto de Investigação em Imunologia (iii) é formado hoje por um grupo de 32 pesquisadores de 21 centros de pesquisa, localizados em 6 Estados brasileiros. Nos últimos 3 anos, o iii vem atuando na geração de novas abordagens diagnósticas e terapêuticas para doenças imunológicas prevalentes no Brasil. Os conhecimentos gerados resultam de estudos realizados em seres humanos, pesquisas em modelos animais e sistemas ?in vitro?, utilizando técnicas que incluem a proteômica e genômica funcional. As atividades resultaram na produção de proteínas recombinantes, humanização de anticorpos, novos testes diagnósticos e ensaios clínicos. Neste próximo período, o iii visa aperfeiçoar o tratamento e diagnóstico de alergias, investigar a tolerância imunológica no transplante de órgãos, desenvolver agentes imunomoduladores, desenvolver vacinas para a febre reumática, esquitossomose, leishmaniose e HIV, validar novas imunoterapias para câncer e desenvolver imunoterapias para a doença de Chagas. Finalmente, uma aproximação com a indústria farmacêutica está sendo implementada, visando a transferência para a sociedade dos produtos imunobiológicos gerados no âmbito do iii..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / A M MORO - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L Guilherme - Integrante / L V RIZZO - Integrante / A M BARRAL - Integrante / A M R JESUS - Integrante / C BRODSKYN - Integrante / F M CASTRO - Integrante / J V WEYENBERGH - Integrante / L K ARRUDA - Integrante / M B NETO - Integrante / M I A S ARAUJO - Integrante / M R CARDOSO - Integrante / O MALASPINA - Integrante / R P ALMEIDA - Integrante / Jorge Kalil - Coordenador / M M Brigido - Integrante / ALavaro A. Cruz - Integrante / Aluisio Cotrim Segurado - Integrante / David Saitovitch - Integrante / Esper Kallás - Integrante / George A. DosReis - Integrante / Gustavo P. Amarante-Mendes - Integrante / kenneth J. Gollob - Integrante / Mario Palma - Integrante / Paulo Rossi Menezes - Integrante / Pedro Michaluart Junior - Integrante / Sérgio Costa Oliveira - Integrante / Walderez O. Dutra - Integrante / Edgar Marcelino de Carvalho Filho - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2001 - Atual
iii-INCT - Instituto de Investigação em Imunologia - Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jorge Elias Kalil Filho em 08/02/2013.
Descrição: O Instituto de Investigação em Imunologia, iii, um dos Institutos do Milênio criado em 2001, e proposto agora como Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia, atua em doenças autoimunes, imunodeficiências primárias e HIV/AIDS, leishmaniose, transplantes, câncer e alergias. Estas enfermidades se constituem em problemas de saúde que afetam, hoje, milhões de pessoas, em nosso País e no mundo. Além da relevância sócio-econômica, estas doenças são também modelos biológicos importantes, na medida em que permitem avançar no conhecimento dos mecanismos fisiopatológicos, possibilitando a intervenção terapêutica orientada pela patogenia. O iii se propõe a desenvolver pesquisa de tradução visando testar, em seres humanos, estratégias imunoterapêuticas inovadoras desenvolvidas através da experimentação. Nas duas etapas anteriores, foram recrutados e treinados recursos humanos e criadas instalações para o desenvolvimento de rotas tecnológicas que nos permitiram mover do reconhecimento da doença para a descoberta de mecanismos patogênicos, passando para o desenho de biofármacos baseados nestes mecanismos, para a experimentação em modelos animais, criando um portfólio de produtos imunoterapêuticos. As áreas temáticas do iii contemplam os mais importantes tópicos em imunologia médica. Em auto-imunidade, vamos avançar o projeto da vacina candidata contra o S. pyogenes e a febre reumática, realizando os primeiros estudos clínicos fase I e II com o produto, e também a imunomodulação na doença de Crohn. Vários estudos estão planejados visando a melhor compreensão da patogênese da infecção pelo HIV e o desenvolvimento da AIDS, assim como para estudar meios de auxiliar no tratamento, com ferramentas que atuam no sistema imune. Também propomos realizar o primeiro estudo clínico fase I com vacina profilática candidata contra o HIV, concebida por pesquisadores brasileiros, já patenteada; além de estudos em primatas. Em imunodeficiências primárias ampliaremos o estudo genético dos pacie.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Jorge Kalil - Coordenador / Aluisio Cotrim Segurado - Integrante / David Saitovitch - Integrante / Esper Kallás - Integrante / Mario Palma - Integrante / Pedro Michaluart Junior - Integrante / Aldina M P Barral - Integrante / Amélia Maria Ribeiro de Jesus - Integrante / Ana Maria Caetano de Faria - Integrante / Andrea Maranhão - Integrante / Anna Carla Goldberg - Integrante / Claudia Ida Brodskyn - Integrante / Edecio Cunha-Neto - Integrante / Ester Sabino - Integrante / Fabio Castro - Integrante / Francisco Inacio Bastos - Integrante / Gustavo P. Amarante Mendes - Integrante / Johan Van Weyenbergh - Integrante / Luisa Karla Arruda - Integrante / Luiza Guilherme - Integrante / Luiz Carlos de Sá Rocha - Integrante / Luiz Vicente Rizzo - Integrante / Maria Regina Cardoso - Integrante / Marcelo Macedo Brigido - Integrante / Osmar Malaspina - Integrante / Pedro Francisco Giavina-Bianchi Jr - Integrante / Roque Almeida - Integrante.
1999 - 2005
Estudo prospectivo da via indireta de alo-reconhecimento em pacientes transplantados renais
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / J A FONSECA - Integrante / Ione Vaccari - Coordenador / Marcelo Ortega Ruiz - Integrante / M SPADAFORA FERREIRA - Integrante / Jorge Kalil - Integrante / M M Brigido - Integrante.
1999 - 2001
Camundongos modificados geneticamente no estudo de mecanismos imunológicos de rejeição e tolerância ao transplante: mecanismos de rejeição de enxertos sem disparidade H-2, em camundongos mutantes para TAP 1 e B2 microglobulina
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / A Fiorelli - Integrante / J MENGUEL - Integrante / I MARRERO - Integrante / LA BENVENUTTI - Integrante / I NORONHA - Integrante / Jorge Kalil - Integrante.
1999 - Atual
Estudo do Receptor da Célula T (RCT) em Clones de Linfócitos T Infiltrantes da Lesão Cardíaca em Pacientes com Doença Reumática Crônica
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / J Kalil - Integrante / A TOUBERT - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L Guilherme - Coordenador / K C FAÉ - Integrante / D D SILVA - Integrante / I ORUÊ - Integrante / S E Oshiro - Integrante / Iwai, L. K. - Integrante.
1998 - 2002
Imunopatogenese da Cardiopatia Chagásica Crônica Humana: Estudo Multidisciplinar da Relevância do Mimetismo Antigenico Miosina Cardíaca-B13
Descrição: Embora haja um acúmulo de dados sugestivos do envolvimento da autoimunidade na patogênese da cardiopatia chagásica crônica, pouca atenção foi dirigida a identificação de antígenos-alvo no tecido cardíaco ou no T.cruzi. A miosina, proteína majoritária do coração, é reconhecida por camundongos cronicamente infectados por T. cruzi. Recentemente, identificamos um epitopo da miosina cardíaca humana (AAALDK) que é alvo de mimetismo molecular, revelado por anticorpos, pela proteína recombinante de T.cruzi B13 (AAAGDK). Mais ainda, esse epitopo de reação cruzada é preferencialmente reconhecido por cardiopatas chagásicos, e não indeterminados. Foi demonstrado também que clones de células T intracardíacas de cardiopatas chagásicos reconhecem simultaneamente ambas as proteínas. No presente projeto, propomos uma abordagem multidisciplinar visando o estudo de várias questões relacionadas ao papel biológico do mimetismo antigênico miosina cardíaca-B13 e aos mecanismos efetores da lesão no tecido cardíaco. Estas questões incluem: a caracterização estrutural da superfície antigênica dos epitopos de reação cruzada miosina cardíaca-B13 a nível de anticorpos e linfócitos T; a resposta de ativação de linfócitos T intralesionais a antígenos relevantes; o perfil de produção de linfocinas de clones de linfócitos T antígeno-específicos intralesionais ou do sangue periférico de pacientes chagásicos; a avaliação de atividade citotóxica destes últimos linfócitos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L Guilherme - Integrante / Jorge Kalil - Coordenador / B. Zingales - Integrante / L. Juliano - Integrante / W. VIVIANI - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
1998 - 2001
Camundongos Modificados Geneticamente no Estudo de Mecanismos Imunológicos de Rejeição e Tolerância ao Transplante: Mecanismos de Rejeição de Enxertos sem Disparidade H-2, em Camundongos Mutantes para TAP-1 e B2 Microglobulina
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / J Kalil - Integrante / A Fiorelli - Integrante / L A BENVENUTI - Integrante / I L NORONHA - Integrante / J MENGUEL - Integrante / I MARRERO - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
1995 - 2004
Mecanismos imunológicos celulares e moleculares da lesão vascular do enxerto
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Clarissa de Brito Granja - Integrante / Karina Gil Portugal - Integrante / C A M Aita - Integrante / I L NORONHA - Integrante / J A FONSECA - Integrante / I MARRERO - Integrante / M SPADAFORA FERREIRA - Integrante / Jorge Kalil - Coordenador.
Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro.
1995 - 1998
Anticorpos anti-endotélio no transplante cardíaco humano
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / C A M Aita - Coordenador / M SPADAFORA FERREIRA - Integrante / Idania Marrero - Integrante / Jorge Kalil - Integrante.
1992 - 1994
Imunopatologia da Febre Remática: Discriminação de Sequências da Proteína M do Streptococcus pyogenes, protetoras ou indutoras da doença, com vistas à imunoproteçõ
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / J Kalil - Integrante / L Guilherme - Integrante.
1991 - 1996
RHAE Biotecnologia
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / J Kalil - Coordenador / N Panajotopoulos - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L Guilherme - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
1991 - 1994
Estudo da Expressão e Função dos Linfócitos T Gama/Delta em Auto-imunidade e em Processo de Rejeição de Transplante
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / E Cunha Neto - Integrante / R A Moliterno - Integrante / J Kalil - Integrante / N Panajotopoulos - Integrante / J Neumann - Integrante.
1990 - 1995
Produção de anticorpos monoclonais contra antígenos endoteliais
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Monica Spadafora Ferreira - Coordenador / A A B LOPES - Integrante / L Guilherme - Integrante / Jorge Kalil - Integrante.


Projetos de extensão


2010 - Atual
Projeto Imunologia nas Escolas - iii-INCT
Descrição: O Projeto Imunologia nas Escolas é um projeto educacional desenvolvido dendtro da Plataforma de Ensino e Interação com a Sociedade do iii-INCT - Instituto de Investigação em Imunologia - Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia, cujo objetivo principal é aproximar o mundo da ciência de estudantes e professores do Ensino Médio de escolas públicas. Além de estimular a curiosidade para a ciência, enfatiza a estrutura lógica do pensamento na pesquisa científica; como esse conhecimento é construído. O Projeto é desenvolvido com cientistas e estudantes de pós-graduação que, por sua vez, têm a oportunidade de dialogar sobre a ciência e a imunologia com a sociedade. O Projeto foi iniciado em 2010, em parceria com a Escola Estadual Romeu de Moraes, na cidade de São Paulo. A cada ano, alunos do Ensino Médio e seus professores iniciam a participação no projeto visitando o Laboratório do iii-INCT no Instituto do Coração da Faculdade de Medicina da USP (InCor/FMUSP). Desenvolvemos atividades mensais na escola, discutindo conceitos em imunologia e a lógica do pensamento científico, usando uma variedade de estratégias pedagógicas dinâmicas, com material didático próprio do Projeto. Detro da perspectiva de expansão do Projeto, além de continuar a desenvolver as atividades com os alunos, nesta escola, iniciamos o Programa de Pré-Iniciação científica , o Program de Introdução ao jornalismo científico e, em 2013, iniciaremos o Programa l para Professores da rede pública, em parceria com a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo. Além disso, nossas experiências têm sido compartilhadas visando apoiar o desenvolvimento do Projeto em outras instituições científicas e de educação no Brasil ou inspirar novas iniciativas. Para essas ações, temos contado também com o apoio da Sociedade Brasileira de Imunologia..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / Paulo Cunha - Integrante / Silvia de Oliveira Sampaio - Integrante / Sandra Moraes - Integrante / Vinicius Canato Santana - Integrante / Patricia Aline dos Santos - Integrante / Carlo de Oliveira Martins - Integrante / Carolina Lavini Ramos - Integrante / Fernanda Miriane Bruni Soliani - Integrante / Luciana Cristina Mirotti - Integrante / Luciana Paroneto Medina - Integrante / Luiz Fernando F. da Silva - Integrante / Narciso Junior Vieira - Integrante.


Projetos de desenvolvimento


2008 - Atual
Instituto de investigação em Imunologia ? iii ? Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia - INCT - 573879/2008-7
Descrição: Responsável pela linha temática: Transplante e Imunorregulação da Plataforma de Ensino e Interação com a Sociedade.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / J Kalil - Coordenador / Aluisio Cotrim Segurado - Integrante / David Saitovitch - Integrante / Esper Kallás - Integrante / Mario Palma - Integrante / Pedro Michaluart Junior - Integrante / Ana Maria Moro - Integrante / Aldina M P Barral - Integrante / Amilcar Tanuri - Integrante / Ana Maria Caetano de Faria - Integrante / Andrea Maranhão - Integrante / Anamaria Aranha Camargo - Integrante / Anna Carla Goldberg - Integrante / Claudia Ida Brodskyn - Integrante / Edecio Cunha-Neto - Integrante / Ester Sabino - Integrante / Fabio Castro - Integrante / Francisco Inacio Bastos - Integrante / Guilherme Werneck - Integrante / Gustavo P. Amarante Mendes - Integrante / Luisa Karla Arruda - Integrante / Luiza Guglielmi - Integrante / Luiz Carlos de Sá Rocha - Integrante / Luiz Vicente Rizzo - Integrante / Manoel Barral-Netto - Integrante / Maria Regina Cardoso - Integrante / Marcelo Macedo Brigido - Integrante / Osmar Malaspina - Integrante / Pedro Francisco Giavina-Bianchi Jr - Integrante.
2002 - 2006
Estudo de novas vacinas e terapia gênica contra a tuberculose (Projeto Temático da Fapesp, processo 00/09663-2)
Descrição: O Centro de Pesquisas em Tuberculose da FMRP USP, vem desenvolvendo uma vacina de DNA que tem capacidade não só preventiva contra o estabelecimento da tuberculose experimental, como também atividade terapêutica contra a doença já estabelecida. Para dar continuidade às investigações e, antes de realizar os primeiros testes de atividade terapêutica em humanos, estamos propondo à Fapesp, um novo projeto temático e solicitando recursos para realizar ensaios pré-clínicos dessa vacina/terapia gênica, assim como estabelecer um centro para o desenvolvimento e testes de novos fármacos antimicobacterianos. Contaremos com o apoio de diversos grupos de pesquisas já consolidados dentro do cenário da Ciência Brasileira, os quais trabalharão de forma integrada para a realização desse projeto. O projeto é multidisciplinar envolvendo grupos das áreas de Biologia Molecular, Microbiologia, Biologia Celular, Química de Proteínas, Imunologia, Tecnologia Farmacêutica e de pesquisas em Novos Fármacos. O programa estará voltado também para a formação de recursos humanos e transferência de conhecimentos e produtos para a Sociedade..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (5) Doutorado: (8) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / C L Silva - Integrante / K LIMA - Integrante / V. L. D. Bonato - Integrante / Lúcia Helena Faccioli - Integrante / José Maciel Rodrigues Junior - Integrante / Arlete A M Coelho-Castelo - Integrante / Alexandrina Sartori - Integrante / Rubens R. Santos Júnior - Integrante / José Eduardo Teixeira - Integrante / Maria Vitória Bentley - Integrante / Sylvia Cardoso Leão - Integrante / Valéria Marçal Félix de Lima - Integrante / Maria Helena Santana - Integrante / Ana Olívia de Souza - Coordenador.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2001 - 2007
Desenvolvimento de vacina contra o estreptococo b-hemolitíco do grupo A
Descrição: O presente projeto tem como objetivo principal o desenvolvimento de vacina para a prevenção da febre reumática e outras infecções ocasionadas pelo estreptococo beta hemolítico do tipo A em parceria com empresa privada 100% nacional. Considerando ainda os altos custo sócio- econômicos da Doença Reumática Cardíaca e da Febre Reumática, tem-se como meta final a produção de uma vacina de subunidade eficaz que proteja contra infecções estreptococicas..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / E Cunha Neto - Integrante / J Kalil - Integrante / M H KISS - Integrante / A C GOLDBERG - Integrante / L Guilherme - Coordenador / P Pomerantzeff - Integrante / M GRINBERG - Integrante / G SPINA - Integrante / E S CERQUEIRA - Integrante / B L LIPHAUZ - Integrante / L M M A CAMPOS - Integrante / S OLIVEIRA - Integrante / R P A TORRES - Integrante / I P SILVA - Integrante / C F A BRITO - Integrante / S E Oshiro - Integrante / AC TANAKA - Integrante / Luiz A Benvenuti - Integrante.
Financiador(es): Laboratório Teuto do Brasil - Outra / Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.


Outros Projetos


2006 - 2009
Estudo da Resposta Imune Celular e Humoral na Terapia Celular para Tratamento de Pacientes com Doença Isquêmica Crônica do Coração (CNPq 552302/2005-8)
Descrição: Atualmente, as doenças cardiovasculares são consideradas a principal causa de mortalidade em países desenvolvidos e também naqueles considerados em desenvolvimento. Durante a insuficiência cardíaca, ocorre perda progressiva de cardiomiócitos. Como os mecanismos de reparo tecidual nem sempre são suficientes e adequados, o tecido lesionado é freqüentemente substituído por áreas de fibrose, com conseqüente perda da função ventricular, e nos estágios avançados da doença o transplante cardíaco alogênico é o único tratamento efetivo. Na busca de novas formas terapêuticas, a utilização de células progenitoras visando reparo do tecido cardíaco lesionado parece uma opção promissora. A Unidade de Insuficiência Cardíaca do Instituto do Coração (InCor, HC.FMUSP) tem utilizado a terapia celular com células tronco hematoóiéticas como forma terapêutica alternativa para pacientes com insuficiência cardíaca isquêmica e idiopática. Os resultados obtidos com este tratamento parecem promissores, com melhora dos sintomas e da função ventricular esquerda, além da ocorrência de poucos efeitos colaterais. Os protocolos em andamento em nosso grupo utilizam células obtidas através de mobilização periférica com G-CSF e/ou punção medular. Alguns grupos na literatura mostram que estes tipos de terapias, mobilização e transplante de mononucleares de medula óssea, podem acarretar em modificações da resposta imune, levando a um quadro de imunossupressão. No entanto, estes resultados são controversos, não existem dados a respeito da resposta imune humoral e não há relatos das modificações na resposta imune em diferentes momentos da terapia celular em pacientes portadores de insuficiência cardíaca. Assim, no presente trabalho nos propomos a estudar o potencial das células tronco hematopoiéticas mobilizadas na periferia ou originadas de punção medular, de modular a resposta imune celular e humoral de pacientes com insuficiência cardíaca isquêmica e idiopática, assim como, a capacidade de imunomodulad.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Integrante / Jorge Kalil - Coordenador / Carolina Lavini Ramos - Integrante / Kellen Faé - Integrante / Luis Henrique Gowdak - Integrante / Nathália Moreira Santos - Integrante / Maristela Oliveira Hernandez - Integrante / Isolmar T. Shettert - Integrante.
2003 - 2007
Papel das células dendríticas no direcionamento funcional da auto-reatividade celular à Hsp60, nos sistemas humano e murino (FAPESP 03/14097-4).
Descrição: As proteínas de choque térmico (Hsp) são famílias de moléculas filogeneticamente conservadas envolvidas em várias funções importantes na manutenção da homeostase. Além do papel de chaperonas, elas atuam na ativação das respostas imunes inata e adaptativa. Dentre as Hsp, a Hsp60 tem sido muito estudada em diversos modelos de doenças auto-imunes e freqüentemente implicada na sua patogênese. Por outro lado, dados da literatura e também do nosso grupo apontam para um papel da Hsp60 na regulação negativa de respostas imunes inflamatórias. Ela tem sido considerada, por alguns grupos, como um importante alvo de reconhecimento na auto-imunidade fisiológica e benéfica. A observação de que indivíduos sadios têm linfócitos T e anticorpos com reatividade dirigida às Hsp também reforça um papel destas proteínas na manutenção da homeostase. O envolvimento de Hsp60 tanto em respostas imunes inflamatórias quanto antiinflamatórias, assim como a sua propriedade de fazer uma interface entre as respostas imunes inata e adaptativa, são características compartilhadas com as células dendríticas (DC). Estas células são especializadas na captura, processamento e apresentação de antígenos para linfócitos T inexperientes, efetores e reguladores. Há vários trabalhos na literatura sugerindo um papel das DC no direcionamento da resposta imune, dependendo do seu estágio de maturação e do microambiente em que se encontram. Dessa forma, considerando o potencial papel das DCs na indução e manutenção das respostas imunológicas, assim como, a potencial atividade reguladora da Hsp60, temos como objetivo, no presente trabalho, investigar a capacidade das DC de direcionar a auto-reatividade celular à Hsp60 para uma atividade reguladora tanto no sistema humano como murino. Esses dados poderão contribuir para o desenvolvimento de protocolos para a regulação da resposta inflamatória na clínica, tanto no transplante alogeneico, como em doenças auto-imunes..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Especialização: (1) Doutorado: (2) .

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / S M MONTEIRO - Integrante / E POSTOL - Integrante / LA BENVENUTTI - Integrante / Jorge Kalil - Integrante / Georgia Porto - Integrante / Cristina Caldas - Integrante / Adalberto S Silva - Integrante / Evelyn Cristina Figueiredo Romão Volsi - Integrante / Alexandre Barbuto - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.Número de orientações: 1
2003 - 2005
Caracterização de subpopulações de Linfócitos T pró-inflamatórias e reguladoras reativas a proteínas de choque térmico no alotransplante humano e murino: bases para indução de tolerância imunológica (FAPESP 02/06495-7)
Descrição: Nos últimos anos, a auto-imunidade tem sido estudada não apenas como um mecanismo de agressão ao próprio, mas também como um importante mecanismo de regulação da resposta imune. Dentro desta nossa linha de pesquisa em Imunologia de Transplantes, temos estudado o autoimunidade no contexto do transplante, em particular, o papel da resposta imune às proteínas de choque térmico (Hsp). A resposta a essas proteínas tem sido associada à patogênese de algumas doenças auto-imunes, tanto em humanos como em modelos experimentais. Por outro lado, alguns peptídeos derivados da Hsp60/Hsp65 são capazes de induzir tolerância em alguns modelos de doenças auto-imunes. Ademais, existem evidências de que indivíduos normais também apresentam anticorpos e linfócitos T reativos às Hsp autólogas. Esses dados, indicam a existência de subpopulações de linfócitos T anti-Hsp com funções pró-inflamatória e reguladora. Nossos resultados anteriores mostraram uma associação entre a detecção de resposta proliferativa contra as Hsp60 e 70 humanas no período pré-transplante (Tx) e rejeição nos primeiros meses pós-Tx, em pacientes transplantados renais. Por outro lado, a produção de IL-4 induzida por Hsp60 esteve associada à ausência de rejeição, sugerindo a coexistência de populações de linfócitos T auto-reativos anti-Hsp com atividades funcionais distintas: pró-inflamatória e reguladora. Assim, propomos dentro deste contexto, um modelo para o papel dos linfócitos T reativos às Hsp na resposta ao transplante, amplificando a inflamação principalmente na fase inicial do transplante e regulando a resposta inflamatória na fase mais tardia. No presente projeto daremos continuidade a esta linha de pesquisa. No transplante humano, pretendemos melhor caracterizar as populações de linfócitos T auto-reativos à Hsp60, em relação ao reconhecimento de fragmentos e ou peptídeos derivados das regiões N- e C- terminal da proteína, tanto na resposta proliferativa como na produção de citocinas, nos momentos pós-t.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho - Coordenador / L A BENVENUTI - Integrante / L R MUNDEL - Integrante / Ernesto Luna Vázques - Integrante / E POSTOL - Integrante / Jorge Kalil - Integrante / Georgia Porto - Integrante / Cristina Caldas - Integrante / Paulo Lee Ho - Integrante.


Membro de corpo editorial


2014 - Atual
Periódico: Transplantation
2012 - Atual
Periódico: Frontiers in Alloimmunity and Transplantation


Revisor de periódico


2009 - Atual
Periódico: Scandinavian Journal of Immunology (Online)
2009 - Atual
Periódico: Brazilian Journal of Medical and Biological Research
2010 - 2011
Periódico: PLOs - Public Library of Science
2008 - 2008
Periódico: British Society for Immunology
2005 - Atual
Periódico: Scandinavian Journal of Immunology (Print)
2005 - Atual
Periódico: Human Immunology
2007 - Atual
Periódico: Clinics (USP. Impresso)
2012 - Atual
Periódico: Fronteirs in Immunology
2013 - Atual
Periódico: Nature Reviews Nephrology


Revisor de projeto de fomento


2006 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado da Bahia
2005 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
2004 - Atual
Agência de fomento: Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ
2000 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Patologia Clínica.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Imunologia de Transplantes.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: MedicinaEspecialidade: Imunologia Celular.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia / Subárea: Auto Imunidade.
5.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: MedicinaEspecialidade: Imunologia Médica.
6.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Terapia Celular.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Lê Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2012
Menção Honrosa - Prêmio Capes de Tese Edição 2012 - Aluno sob minha orientação: Hernandez Moura Silva - FMUSP, COORDENAÇÃO DE APERFEIÇOAMENTO DE PESSOAL DE NÍVEL SUPERIOR - CAPES.
2011
Prêmio Professor Eric Roger Wroclawski - Trabalho Científico - 1 Lugar, Einstein - Revista Científica.
2009
Menção Honrosa pela apresentação do trabalho "B cell repertoire diversity in operationally tolerant kidney recipients. Is there a differential profile?", XXXIV Congress of The Brazilian Society for Immunology.
2006
Laboratório de Investigação Médica (LIMs), Fundação Faculdade de Medicina (FFM).
2005
Prêmio de Honra e Mérito. Pôster: A life-course analysis of humoral autoreactivity to heat shock protein 60, XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. Entidade promotora: Sociedade Brasileira de Imunologia.
2001
Prêmio Emil Sabbaga. Pôster: O micofenolato mofetil (mmf) modifica a via indireta do alo-reconhecimento na nefropatia crônica do transplante?, Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, no VII Congresso da Associação Brasileira de Transp.
2001
The Best Poster: Renal transplant patients show variations in their self-reactive repertoires: a serial study, 7th Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society.
1998
Workshop de Transplante, 10th International Congress of Immunology.
1998
Free Communication Award no workshop de Transplante, 10th International Congress of Immunology.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
BARROS, JÉSSICA BARLETTO DE SOUSA2018BARROS, JÉSSICA BARLETTO DE SOUSA ; SILVA, PAULO ALEX NEVES DA ; KOGA, ROSEMARY DE CARVALHO ROCHA ; GONZALEZ-DIAS, PATRÍCIA ; CARMO FILHO, JOSÉ RODRIGUES ; NAGIB, PATRÍCIA RESENDE ALO ; Coelho, Verônica ; NAKAYA, HELDER I. ; FONSECA, SIMONE GONÇALVES ; PFRIMER, IRMTRAUT ARACI HOFFMANN . Acute Zika Virus Infection in an Endemic Area Shows Modest Proinflammatory Systemic Immunoactivation and Cytokine-Symptom Associations. Frontiers in Immunology, v. 9, p. 821, 2018.

2.
ROMANO, PASCHOALINA2018ROMANO, PASCHOALINA ; DA LUZ FERNADES, MARIA ; DE ALMEIDA REZENDE EBNER, PÉRSIO ; DE OLIVEIRA, NAYARA DUARTE ; OKUDA, LARISSA MITSUE ; Agena, Fabiana ; MENDES, MARIA ELIZABETE ; SUMITA, NAIRO MASSAKAZU ; Coelho, Verônica ; DAVID-NETO, ELIAS ; GALANTE, NELSON ZOCOLER . UPLC-MS/MS ASSAY VALIDATION FOR TACROLIMUS QUANTITATIVE DETERMINATION IN PERIPHERAL BLOOD T CD4+ AND B CD19+ LYMPHOCYTES. JOURNAL OF PHARMACEUTICAL AND BIOMEDICAL ANALYSIS, v. 152, p. 306-314, 2018.

3.
Lavini-Ramos, Carolina2017Lavini-Ramos, Carolina ; SILVA, HERNANDEZ MOURA ; SOARES-SCHANOSKI, ALESSANDRA ; Monteiro, Sandra Maria ; FERREIRA, LUDMILA RODRIGUES PINTO ; PACANARO, ANA PAULA ; GOMES, SAMIRAH ; BATISTA, JANAÍNA ; Faé, Kellen ; KALIL, J. ; COELHO, V. . MMP9 integrates multiple immunoregulatory pathways that discriminate high suppressive activity of human mesenchymal stem cells. Scientific Reports, v. 7, p. 874, 2017.

4.
DOIMO, NAYARA TS2014DOIMO, NAYARA TS ; ZÁRATE-BLADÉS, CARLOS R ; RODRIGUES, RODRIGO F ; TEFÉ-SILVA, CRISTIANE ; TROTTE, MARCELE NS ; SOUZA, PATRÍCIA RM ; SOARES, LUANA S ; RIOS, WENDY M ; FLORIANO, ELAINE M ; BRANDÃO, IZAIRA T ; MASSON, ANA P ; Coelho, Verônica ; RAMOS, SIMONE G ; SILVA, CELIO L . Immunotherapy of tuberculosis with Mycobaterium leprae Hsp65 as a DNA vaccine triggers cross-reactive antibodies against mammalian Hsp60 but not pathological autoimmunity. Human Vaccines & Immunotherapeutics, v. 10, p. 1238-1243, 2014.

5.
COELHO, V.;Coelho, Verônica;Coelho, V;Coelho, V.;Coelho, V. P.C.V.;Coelho, Verônica;Coelho V;Veronica Coelho2013COELHO, V.; Saitovitch, David ; Kalil, Jorge ; SILVA, Hernandez Moura . Rethinking the multiple roles of B cells in organ transplantation. Current Opinion in Organ Transplantation, v. 18, p. 13-21, 2013.

6.
LUQUE, MARIA CAROLINA AQUINO2013LUQUE, MARIA CAROLINA AQUINO ; GUTIERREZ, PAULO SAMPAIO ; DEBBAS, VICTOR ; MARTINS, W. K. ; PUECH-LEAO, PEDRO ; PORTO, GEORGIA ; COELHO, V. ; BOUMSELL, LAURENCE ; KALIL, JORGE ; STOLF, BEATRIZ . Phage Display Identification of CD100 in Human Atherosclerotic Plaque Macrophages and Foam Cells. PLoS One, v. 8, p. e75772, 2013.

7.
SILVA, H. M.2012 SILVA, H. M. ; TAKENAKA, M. ; VIEIRA, P. M. ; MONTEIRO, Sandra Maria ; HERNANDEZ, M.O. ; CHAARA, W ; Six, Adrien ; Agena, Fabiana ; Sesterheim, Patrícia ; Barbé-Tuana, FM ; Saitovitch, D ; Francine Lemos ; Lemos, F ; J. Kalil ; COELHO, V. . Preserving the B cell compartment favors operational tolerance in human renal transplantation.. Molecular Medicine (Cambridge, Mass. Print), v. 20, p. 313, 2012.

8.
Moraes-Vieira, PM2012Moraes-Vieira, PM ; TAKENAKA, M. ; Silva, Hernandez M. ; MONTEIRO, Sandra Maria ; Agena, Fabiana ; Francine Lemos ; Saitovitch, D ; J. Kalil ; Coelho, V . GATA3 and a dominant regulatory gene expression profile discriminate operational tolerance in human transplantation. Clinical Immunology (Orlando, Fla. Print), v. 142, p. 117-126, 2012.

9.
Coelho, Verônica2012Coelho, Verônica; Faria, Ana M. C. . HSP60: Issues and Insights on Its Therapeutic Use as an Immunoregulatory Agent. Frontiers in Immunology, v. 2, p. 97, 2012.

10.
FERNANDES, TIAGO2012FERNANDES, TIAGO ; NAKAMUTA, JULIANA S. ; MAGALHÃES, FLÁVIO C. ; ROQUE, FERNANDA R. ; LAVINI-RAMOS, CAROLINA ; SCHETTERT, ISOLMAR T. ; Coelho, Verônica ; KRIEGER, JOSÉ E. ; OLIVEIRA, EDILAMAR M. . Exercise training restores the endothelial progenitor cells number and function in hypertension. Journal of Hypertension, v. 30, p. 2133-2143, 2012.

11.
PORTO, Georgia2011PORTO, Georgia ; Giordano, Ricardo J. ; Marti, Luciana C. ; Stolf, Beatriz ; Pasqualini, Renata ; Arap, Wadih ; KALIL, Jorge ; Coelho, Verônica . Identification of Novel Immunoregulatory Molecules in Human Thymic Regulatory CD4+CD25+ T Cells by Phage Display. Plos One, v. 6, p. e21702, 2011.

12.
de Andrade, CR2011de Andrade, CR ; Stolf, BS ; Debbas, V ; Rosa, DS ; Kalil, J. ; Coelho, V ; LAURINDO, F. R. M. . Quiescin sulfhydryl oxidase (QSOX) is expressed in the human atheroma core: possible role in apoptosis. In Vitro Cellular & Developmental Biology. Animal (Online), v. 47, p. 716-727, 2011.

13.
Pedro Manoel M. M. Vieira2010 Pedro Manoel M. M. Vieira ; Silva, Hernandez M. ; Maisa C. S. Takenaka ; MONTEIRO, Sandra Maria ; Francine Lemos ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V ; Coelho, Verônica . Differential Monocyte STAT6 Activation and CD4+CD25+Foxp3+ T cells in Kidney Operational Tolerance Transplanted individuals. Human Immunology, v. 71, p. 442-450, 2010.

14.
Castro, Leandro M.2010Castro, Leandro M. ; Berti, Denise A. ; Russo, Lilian C. ; Coelho, Verônica ; Gozzo, Fábio C. ; Oliveira, Vitor ; Ferro, Emer S. . Similar Intracellular Peptide Profile of TAP1/β2 Microglobulin Double-Knockout Mice and C57BL/6 Wild-Type Mice as Revealed by Peptidomic Analysis. The AAPS Journal, v. 12, p. 608-616, 2010.

15.
Silva, Hernandez M.2009Silva, Hernandez M. ; Vieira, Pedro M.M.M. ; Costa, Patricia L.N. ; Pimentel, Bárbara M.S. ; Moro, Ana M. ; KALIL, Jorge ; Maranhão, Andrea Q. ; Coelho, Verônica ; Brigido, Marcelo M. . Novel humanized anti-CD3 antibodies induce a predominantly immunoregulatory profile in human peripheral blood mononuclear cells. Immunology Letters, v. 125, p. 129-136, 2009.

16.
LIMA, D. S.2009LIMA, D. S. ; Zárate-Blades, C R ; SOUZA, P. R. M. ; TROMBONR, A. P. ; SANTOS-JUNIOR, R.R ; BRANDAO, I. T. ; MASSON,A.P. ; BONATO, V. L. D. ; SARTORI, A. ; VENDRAMINI, M. ; SOARES, E. G. ; BENVENUTTI, LA ; SILVA, C L ; COELHO, V. . No evidence of pathological autoimmunity following mycobacterium leprae heat-shock protein 56-DNA vaccination in mice.. European Journal of Inflammation, v. 7, p. 75-78, 2009.

17.
Victora, G D2009 Victora, G D ; Socorro-Silva, A ; Volsi, E C ; Abdallah, K ; Lima, F D ; Smith, R B ; Moyses, R A ; Zárate-Bladés, C R ; Michaluart, P ; SILVA, C L ; KALIL, J ; Coelho, V . Immune response to vaccination with DNA-hsp65 in a phase I clinical trial with head and neck cancer patients. Cancer Gene Therapy, p. 1-11, 2009.

18.
Michaluart, P2008Michaluart, P ; ABDALLAH, K A ; Lima, F D ; Smith, R ; Moysés, R A ; Coelho, V ; Victora, G D ; Socorro-Silva, A ; Volsi, E C ; Zárate-Bladés, C R ; Ferraz, A R ; Barreto, A K ; Chammas, M C ; GOMES, R ; GEBRIM, E ; ARAKAWA-SUGUENO, L ; Fernandes, K P ; Lotufo, P A ; CARDOSO, M R ; KALIL, J ; SILVA, C L . Phase I trial of DNA-hsp65 immunotherapy for advanced squamous cell carcinoma of the head and neck. Cancer Gene Therapy, v. 15, p. 676-684, 2008.

19.
COELHO, V.;Coelho, Verônica;Coelho, V;Coelho, V.;Coelho, V. P.C.V.;Coelho, Verônica;Coelho V;Veronica Coelho2008COELHO, V.; Broere, Femke ; Binder, Robert J. ; Shoenfeld, Yehuda ; Moudgil, Kamal D. . Heat-shock proteins: Inflammatory versus regulatory attributes. Cell Stress & Chaperones, v. 13, p. 119-125, 2008.

20.
LUNA, Ernesto2007LUNA, Ernesto ; POSTOL, Edilberto ; CALDAS, Cristina ; Mundel, Luiz R. ; PORTO, Georgia ; Iwai, Leo K. ; HO, Paulo Lee ; KALIL, Jorge ; Coelho, Verônica . Diversity of physiological cell reactivity to heat shock protein 60 in different mouse strains. Cell Stress & Chaperones, v. 12, p. 112, 2007.

21.
Victora, Gabriel D.2007Victora, Gabriel D. ; Bilate, Angelina M.B. ; Socorro-Silva, Adalberto ; CALDAS, Cristina ; Lima, Rosangela C. ; KALIL, Jorge ; Coelho, Verônica ; Victora, Cesar G. . Mother child immunological interactions in early life affect long-term humoral autoreactivity to heat shock protein 60 at age 18 years. Journal of Autoimmunity, v. 29, p. 38-43, 2007.

22.
Luna, E.2007Luna, E. ; Postol, E. ; Caldas, C. ; Benvenuti, L. A. ; RODRIGUES, J. M. ; LIMA, K. ; Kalil, J. ; Coelho, V. . Treatment with Encapsulated Hsp60 Peptide (p277) Prolongs Skin Graft Survival in a Murine Model of Minor Antigen Disparity. Scandinavian Journal of Immunology, v. 66, p. 62-70, 2007.

23.
Spadafora-Ferreira, M.2007Spadafora-Ferreira, M. ; Caldas, C. ; FAÉ, K. C. ; Marrero, I. ; Monteiro, S. M. ; LIN-WANG, H. T. ; SOCORRO-SILVA, A. ; Fonseca, S. G. ; Fonseca, J. A. ; Kalil, J. ; Coelho, V. . CD4 + CD25 + Foxp3 + Indirect Alloreactive T cells from Renal Transplant Patients Suppress Both the Direct and Indirect Pathways of Allorecognition. Scandinavian Journal of Immunology, v. 66, p. 352-361, 2007.

24.
Fonseca, S. G.2007Fonseca, S. G. ; Reis, M. M. ; Coelho, V. ; Nogueira, L. G. ; Monteiro, S. M. ; Mairena, E. C. ; BACAL, F. ; BOCCHI, E. ; Guilherme, L. ; Zheng, X. X. ; LIEW, F. Y. ; HIGUCHI, M. L. ; Kalil, J. ; Cunha-Neto, E. . Locally Produced Survival Cytokines IL-15 and IL-7 may be Associated to the Predominance of CD8 + T cells at Heart Lesions of Human Chronic Chagas Disease Cardiomyopathy. Scandinavian Journal of Immunology, v. 66, p. 362-371, 2007.

25.
MARRERO, Idania2006MARRERO, Idania ; HUFFMAN, D ; KALIL, Jorge ; SERCARZ, E. ; COELHO, V. . TAP1-/- mice present oligoclonal BV-BJ expansions following the rejection of grafts bearing self antigens. Immunology (Oxford), v. 118, p. 461-471, 2006.

26.
Caldas, C.2006Caldas, C. ; Luna, E. ; Spadafora-Ferreira, M. ; Porto, G. ; Iwai, L. K. ; OSHIRO, S. E. ; Monteiro, S. M. ; Fonseca, J. A. ; Lemos, F. ; HAMMER, J. ; Ho, P. L. ; Kalil, J. ; Coelho, V. . Cellular autoreactivity against heat shock protein 60 in renal transplant patients: peripheral and graft-infiltrating responses. Clinical and Experimental Immunology (Print), v. 146, p. 66-75, 2006.

27.
LEMOS, F. B. C.2006LEMOS, F. B. C. ; MORO, A. M. ; RODRIGUES, M. T. A. ; GARBUIO, A. ; MONTEIRO, Sandra M ; MARQUES, F. ; CASTRO, M. C. R. ; IANHEZ, L. E. ; PESTANA, J. O. M. ; GARCIA, V. D. ; NEUMANN, J. ; COELHO, V. ; RAW, I. ; KALIL, Jorge . Use of the Butantan´s anti-CD3 in renal transplantation. JBT. Jornal Brasileiro de Transplantes, v. 9, p. 572-578, 2006.

28.
MARRERO, I2005MARRERO, I ; BENVENUTI, L A ; J, KALIL ; COELHO, V. . Autoreactivity to self H-2Kb peptides in TAP1-/- mice. Intravenous administration of H-2Kb class I-derived peptides induces long-term survival of grafts from C57BL/6 donors. Immunology (Oxford), v. 115, n.4, p. 484-494, 2005.

29.
GUILHERME, L2004GUILHERME, L ; CURY, P ; DEMARCHI, LM ; COELHO, V. ; ABEL, L ; LOPEZ, A P ; OSIRO, SE ; ALIOTTI, S ; CUNHA NETO, E ; POMERANTZEFF, PM ; TANAKA, AC ; J, KALIL . Rheumatic Heart Disease. AMERICAN JOURNAL OF PATHOLOGY, v. 165, n.5, p. 1583-1591, 2004.

30.
MARRERO, I2004MARRERO, I ; BENVENUTTI, L ; NORONHA, I ; KALIL, J ; Coelho, V . Rejection of grafts without histocompatibility antigen disparity by TAP1?/? mice: a role for CD4+ t cells1. Transplantation Proceedings, v. 36, n.4, p. 999-1000, 2004.

31.
CALDAS, C2004CALDAS, C ; SPADAFORAFERREIRA, M ; FONSECA, J ; LUNA, E ; IWAI, L ; KALIL, J ; Coelho, V . T-Cell response to self HSP60 peptides in renal transplant recipients: a regulatory role?1. Transplantation Proceedings, v. 36, n.4, p. 833-835, 2004.

32.
Granja, C2004Granja, C ; Moliterno RA ; Ferreira MS ; Fonseca JA ; Kalil, J. ; Coelho, V . T-Cell autoreactivity to Hsp in human transplantation may involve both proinflammatory and regulatory functions. Human Immunology, v. 65, p. 124-134, 2004.

33.
CALDAS, C2003CALDAS, C ; Coelho, V. ; KALIL, J ; MORO, A. M. ; MARANHÃO, A Q ; BRÍGIDO, M M . Humanization of the anti-CD18 antibody 6.7: an unexpected effect of a framework residue in binding to antigen. Molecular Immunology, Estados Unidos, v. 39, n.15, p. 941-952, 2003.

34.
Suárez, I2002Suárez, I ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I ; KAER, L. V. ; KALIL, J ; Coelho, V. . Rejection of grafts with no H-2 disparity in TAP1 mutant mice: CD4 T cells are important effector cells and self H-2b class I molecules are target. Transplant Immunology, v. 9, n.2-4, p. 101-110, 2002.

35.
Spadafora-Ferreira, M2001Spadafora-Ferreira, M ; Granja, C ; Fonseca, J. A. ; Marrero, I. ; KALIL, J ; Coelho, V. . Indirect alloreactivity and cytokine production to HLA-DR peptides in human renal transplantation. Transplantation Proceedings, v. 33, n.1-2, p. 435-436, 2001.

36.
Portugal, K.2001Portugal, K. ; DOZMOROV, I. ; SIDOROV, I. ; MARRERO, I ; FONSECA, J A ; Spadafora-Ferreira, M ; KALIL, J ; Coelho, V. . Renal transplant patients show variations in their self-reactive repertoires: a serial study. International Immunology, v. 13, n.6, p. 747-755, 2001.

37.
Spadafora-Ferreira, M2001Spadafora-Ferreira, M ; Fonseca, J. A. ; Granja, C ; MALHEIROS, D M A C ; KALIL, J ; Coelho, V. . Predominant IL-10 Production in Indirect Alloreactivity Is Not Associated with Rejection. Clinical Immunology (Orlando), ESTADOS UNIDOS, v. 101, n.3, p. 315-327, 2001.

38.
Spadafora-Ferreira, M2000Spadafora-Ferreira, M ; LOPES, A. A. B. ; Coelho, V. ; GUILHERME, L ; KALIL, J . Two Novel Anti von Willebrand Factor Monoclonal Antibodies. Thrombosis Research, ESTADOS UNIDOS, v. 97, n.3, p. 3-13, 2000.

39.
Guilherme, L.2000Guilherme, L. ; DULPHY, N. ; DOUAY, C. ; Coelho, V. ; CUNHA NETO, E ; OSHIRO, S. E. ; ASSIS, R V ; TANAKA, A. C. ; POMERANTZEFF, P. ; CHARRON, D. ; TOUBERT, A. ; KALIL, J . Molecular evidence for antigen-driven immune responses in cardiac lesions of rheumatic heart disease patients. International Immunology, v. 12, n.7, p. 1063-1074, 2000.

40.
Caldas, C.2000Caldas, C. ; Coelho, V. P.C.V. ; Rigden, D. J. ; Neschich, G. ; MORO, A. M. ; Brigido, M. M. . Design and synthesis of germline-based hemi-humanized single-chain Fv against the CD18 surface antigen. Protein Engineering, Design & Selection, Estados Unidos, v. 13, n.5, p. 353-360, 2000.

41.
Coelho, V1999Coelho, V; Spadafora-Ferreira, M ; MARRERO, I ; Fonseca, J. A. ; PORTUGAL, K. G. ; KALIL, J . Evidence of Indirect Allorecognition in Long-Term Human Renal Transplantation. Clinical Immunology (Orlando), ESTADOS UNIDOS, v. 90, n.2, p. 220-229, 1999.

42.
Coelho, V1999Coelho, V. TAP1 mutant mice reject heart grafts from donors with no MHC disparity. Transplantation Proceedings, v. 31, p. 900-901, 1999.

43.
Cunha-Neto, E1996Cunha-Neto, E ; Coelho, V ; GUILHERME, L ; Fiorelli, A ; STOLF, N ; KALIL, J . Autoimmunity in Chagas' disease. Identification of cardiac myosin-B13 Trypanosoma cruzi protein crossreactive T cell clones in heart lesions of a chronic Chagas' cardiomyopathy patient.. Journal of Clinical Investigation, EUA, v. 98, p. 1709-1712, 1996.

44.
FERREIRA, Monica Spadafora1996FERREIRA, Monica Spadafora ; COELHO, V. ; NORONHA, I L ; PORTUGAL, K. G. ; KALIL, J . O endotélio vascular na resposta imune. Revista da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, BRASIL, v. 6, n.2, p. 146-154, 1996.

45.
BARBEROMARCIAL, M.1996BARBEROMARCIAL, M. ; AZEKA, E. ; CAMARGO, P. R. ; RISO, A. ; JATENE, M. ; SOARES, J. ; SNITCOWSKY, R ; AULER JR, J. Q. ; CAMARGO, L. ; SANTOS, S. ; COELHO, V. ; ATIK, E. ; EBAID, M. ; JATENE, A. . Neonate and infant heart transplantation. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, São Paulo, v. 67, n.3, p. 165-170, 1996.

46.
COELHO, V.;Coelho, Verônica;Coelho, V;Coelho, V.;Coelho, V. P.C.V.;Coelho, Verônica;Coelho V;Veronica Coelho1995COELHO, V.; MOLITERNO, R A ; HIGUCHI, M. L. ; GUILHERME, L ; CUNHA NETO, E ; FIORELLI A ; KALIL, J . Gamma Delta T Cells Play No Major Role In Human Heart Allograft Rejection.. Transplantation, EUA, v. 60, p. 980-984, 1995.

47.
GUILHERME, L1995GUILHERME, L ; CUNHA NETO, E ; COELHO, V. ; SNITCOWSKY, R ; POMERANTZEFF, P. ; ASSIS, R V ; PEDRA, F ; NEUMANN, J ; GOLDBERG, A C ; PATARROYO, M E ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Human Infiltrating T Cell Clones From Rheumatic Heart Disease Recognize Both Streptococcal And Cardiac Proteins.. Circulation, EUA, v. 92, n.3, p. 415-420, 1995.

48.
CUNHA-NETO, EDÉ?AIO1994CUNHA-NETO, EDÉ?AIO ; MOLITERNO, RICARDO ; Coelho, Verônica ; GUILHERME, LUIZA ; BOCCHI, EDIMAR ; HIGUCHI, MARIA DE LOURDES ; STOLF, NOEDIR ; PILEGGI, FULVIO ; STEINMAN, LAWRENCE ; KALIL, Jorge . Restricted heterogeneity of T cell receptor variable alpha chain transcripts in hearts of Chagas disease cardiomyopathy patients. Parasite Immunology, v. 16, n.4, p. 171-179, 1994.

49.
MENDONÇA, L. L.1986MENDONÇA, L. L. ; COELHO, V. ; MEIRELLES, E. S. ; RODRIGUES C J ; BALTAZAR, P. A. ; COSSERMELLI, W. . Coexistência de Artrite Reumatóide e Síndrome de Reiter: relato de um caso e resumo da literatura. Revista do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de São Paulo, Brasil, v. 41, n.3, p. 132-135, 1986.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
COELHO, V.; STOLF, B. ; PORTO, Georgia . IMMUNORIO2007 Newsletters science and scientists. 1. ed. São Paulo: Manole, 2008. v. 1. 421p .

Capítulos de livros publicados
1.
COELHO, V.; KALIL, J . Imunobiologia dos transplantes. In: Vera Calich; Celidéia Vaz. (Org.). Imunologia. 2ed.Rio de Janeiro: Revinter, 2009, v. 1, p. 241-263.

2.
COELHO, V.; CALDAS, Cristina de Araújo ; KALIL, J . Imunobiologia do Transplante. In: x. (Org.). Referências dos Transplantadores,. : , 2003, v. 1, p. 1-21.

3.
PANAJOTOPOULOS, N ; GUILHERME, L ; COELHO, V. ; KALIL, J . Importância do Sistema HLA.. In: Transplantes de Órgãos e Tecidos. (Org.). Transplantes de Órgãos e Tecidos. 1ed.São Paulo, Brasil: Sarvier, 1997, v. , p. -.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MELO, M. ; COELHO, V. ; BRIGIDO, L. F. M. . Estudo Comparativo dos Métodos para medir a pressão arterial média em cães. CIÊNCIA E CULTURA, , v. 31/07, p. 10 - 10, 08 maio 1979.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
LIMA, D. S. ; Zárate-Blades, C R ; SOUZA, P. R. M. ; TROMBONE, A. P. ; SANTOS JUNIOR, R. R. ; BRANDAO, I. T. ; MASSON,A.P. ; BONATO, V. L. D. ; COELHO-CASTELO, A. A. M. ; SARTORI, A. ; VENDRAMINI, M. ; SOARES, E. G. ; BENVENUTTI, LA ; SILVA, C L ; Coelho, V . No Evidence of Pathological Autoimmunity Following Mycobacterium Leprae Heat-Shock Protein 65-DNA Vaccination in Mice. In: European Journal of Inflammation, 2009, Itália. Official Journal of the Italian Society of Oral Pathology and Medicine. Itália: Published by Biolife, 2009. v. 7. p. 77-85.

2.
VACCARI, Ione ; MARRERO, Idania Glafira ; FERREIRA, Monica Spadafora ; SILVA, C L ; KALIL, J ; COELHO, V. . Differential response to human hsp60 and bacterial hsp65 in normal individuals. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo, 2003.

3.
FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; GRANJA, Clarissa de Brito ; MALHEIROS, D M A C ; KALIL, J ; COELHO, V. . Indirect Alloreactivity and cytokine production to HLA-DR peptides in Human Renal Transplantation.. In: XVIII International Congress of the Transplantation Society., 2000, Roma, 2000.

4.
COELHO, V.; MARRERO, Idania Glafira ; NORONHA, I L ; BENVENUTI, L A ; KAER, L. V. ; KALIL, J . TAP 1 Mutant mice reject heart grafts from donors with no MHC disparity. In: XVII World Congress of the Transplantation Society, 1998, Montreal, 1998.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, H. M. ; Maisa C. S. Takenaka ; Pedro Manoel M. M. Vieira ; MONTEIRO, Sandra Maria ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; J, KALIL ; Coelho, V . Preserved Quantity of the CD19+CD24hiCD38HI Supressive B cell population differentiates operationally tolerant Kidney recipients from Chronic Rejection.. In: Keystone Symposia-Immunoregulatory Networks. In: Keystone Symposia-Immunoregulatory Networks, 2011, Breckenridge. Keystone Symposia-Immunoregulatory Networks, 2011. p. 106-106.

2.
SILVA, H. M. ; Maisa C. S. Takenaka ; VIEIRA, P. M. ; MONTEIRO, Sandra M ; Agena, Fabiana ; SAITOVITCH, D. ; LEMOS, F. B. C. ; J, KALIL ; Coelho, V . Functional and number preservation of the CD19+CD24HICD38HI suppressive B cell population differentiates operational tolerance from chronic rejection. In: XI CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPLANTES, 2011, Belém. XI CONGRESSO BRASILEIRO DE TRANSPLANTES, 2011.

3.
PACANARO, A. P. ; RAMOS, C. L. ; SILVA, H. M. ; J, KALIL ; Coelho, V . HSP60 N7 peptide induces a predominant immunoregulatory profile in human mesenchymal stem cells, in vitro. In: XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011, FOZ DO IGUAÇU. XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011.

4.
RAMOS, C. L. ; SILVA, H. M. ; PACANARO, A. P. ; MONTEIRO, Sandra M ; SILVA, D. V. ; Alessandra Schanoski ; J, KALIL ; Coelho, V . Multiple immunoregulatory pathways correlate with human mesenchymal stem cells high suppressive activity. In: XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011, FOZ DO IGUAÇU. XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011.

5.
BURTET, R. T. ; SILVA, H. M. ; VILELA , H. G. ; J, KALIL ; Coelho, V ; Marcelo Brígido ; Andrea Maranhão . Operational tolerant kidney recipients antibody repertoire reactivities towards peptide libraries. In: XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011, FOZ DO IGUAÇU. XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011.

6.
SILVA, H. M. ; TAKENAKA, M. ; Pedro Manoel M. M. Vieira ; MONTEIRO, Sandra M ; HERNANDEZ, M.O. ; CHAARA, W. ; SIX, A. ; Agena, Fabiana ; SESTERHEIM, P. ; Barbé-Tuana, FM ; SAITOVITCH, D. ; LEMOS, F. B. C. ; J, KALIL ; Coelho, V . Preservation of the B cell compartment: A way to the operational tolerance in human renal transplantation?. In: XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011, FOZ DO IGUAÇU. XXXVI BRAZILIAN CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2011.

7.
SILVA, H. M. ; Maisa C. S. Takenaka ; VIEIRA, P. M. ; MONTEIRO, Sandra Maria ; HERNANDEZ, M.O. ; CHAARA, W ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; J, KALIL ; Coelho, V . LOOKING FOR A DIFFERENTIAL B CELL REPERTOIRE IN OPERATIONALLY TOLERANT KIDNEY RECIPIENTS. In: 5th International Conference on Gene Regulation in Lymphocyte Development, 2010, Chania- Creta. Aegean Conferences Series, 2010. v. 53.

8.
SILVA, H. M. ; Maisa C. S. Takenaka ; Pedro Manoel M. M. Vieira ; MONTEIRO, Sandra M ; HERNANDEZ, M.O. ; CHAARA, W ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; J, KALIL ; Coelho, V . HUMAN OPERATIONAL TOLERANCE INVOLVES ALTERATION IN THE B CELL REPERTOIRE.. In: XXXV CONGRESS OF THE BRAZILIAN SOCIETY FOR IMMUNOLOGY, 2010, PORTO ALEGRE. aNAIS DO XXXV CONGRESS OF THE BRAZILIAN SOCIETY FOR IMMUNOLOGY, 2010.

9.
LAVINI-RAMOS,C. ; SILVA, H. M. ; MONTEIRO, Sandra M ; J, KALIL ; Coelho, V . Crosstalk between human mesenchymal stem cells and macrophages takes place even in the absence of an inflammatory stimulus. In: V Congresso Brasileiro de Células-Tronco e Terapia Celular, 2010, GRAMADO. ANAIS DO V Congresso Brasileiro de Células-Tronco e Terapia Celular, 2010.

10.
RAMOS, C. L. ; HERNANDEZ, M.O. ; PACANARO, A. P. ; J, KALIL ; Coelho, V . Do mesenchyamal stem cells and macrophages influence each other?. In: XXXV Congress of the Brazilian Society for Immunology and III Extra Section on Clinical Immunology, 2010, PORTO ALEGRE. ANAIS DO XXXV Congress of the Brazilian Society for Immunology, 2010.

11.
TAKENAKA, M. ; SILVA, H. M. ; SAINDERBERMG, D. ; Moraes-Vieira, PM ; GOMES, P. C. ; TEIXEIRA, P. C. ; SANTOS, K. S. ; SAITOVITCH, D. ; LEMOS, F. B. C. ; J, KALIL ; Cunha-Neto, E ; PALMA, M. S. ; Coelho, V . URINE PROTEOMICS IN HUMAN KIDNEY TRANSPLANTATION: SEARCH FOR A DIFFERENTIAL PROFILE IN OPERATIONAL TOLERANCE. In: XXXV Congress of the Brazilian Society for Immunology, 2010, PORTO ALEGRE. ANAIS DO XXXV Congress of the Brazilian Society for Immunology, 2010.

12.
VIEIRA, P. M. ; TAKENAKA, M. ; MONTEIRO, Sandra M ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Tolerância Operacional no Transplante Renal: na Direção de um Perfil Imunorregulador. In: XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH, 2009, Recife. Anais do Evento, 2009. p. 18-18.

13.
MARIN, M. L. ; SOUZA, P. S. ; COELHO, V. ; CASTRO, M. C. R. ; KALIL, J . Mica Solúvel no Transplante Renal: Possível Marcador de Dano Celular?. In: XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH, 2009, Recife. Anais do Evento, 2009. p. 19-19.

14.
LIN-WANG, H. T. ; OSHIRO, S. E. ; MONTEIRO, S M ; BACAL, F ; CUNNINGHAM, M ; KALIL, J ; COELHO, V. . Perfis diferenciais de autoanticorpos dirigidos à proteína cardíaca e proteína de choque térmico 60 no estado fisiológico e no transplante cardíaco. In: XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH, 2009, Recife. Anais do evento, 2009. p. 7-7.

15.
MARIN, M. L. ; SILVA, H. M. ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Mica Solúvel em tolerância operacional no transplante renal. In: XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH, 2009, Recife. Anais do evento, 2009.

16.
SILVA, H. M. ; HERNANDEZ, M.O. ; TAKENAKA, M. ; VIEIRA, P. M. ; MONTEIRO, S M ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, J ; COELHO, V. . B cell repertoire diversity in operational tolerat kidney recipients. Is there a differential prolife?. In: XXXIV Congress of the Brazilian Society for Immunology, 2009, Bahia. Anais do Evento, 2009.

17.
TAKENAKA, M. ; SILVA, H. M. ; TEIXEIRA, P. ; VIEIRA, P. M. ; MONTEIRO, S M ; Cunha-Neto, E ; SAITOVITCH, D. ; LEMOS, F. B. C. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Can urine proteomics discriminate operational tolerance in renal transplantation?. In: XXXIV Congress of the Brazilian Society for Immunology, 2009, Bahia. Anais do evento, 2009.

18.
VIEIRA, P. M. ; SILVA, H. M. ; TAKENAKA, M. ; MONTEIRO, S M ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Molecular transcriptional profile and CD4+CD25+FOXP3+T Cells in operational tolerance kidney transplanted individuals. In: 2nd European Congress of Immunology, 2009, Berlim. Anais, 2009.

19.
P.M. Mendes de Moraes Vieira ; H. Maura Silva ; M.C.S. Takenaka ; MONTEIRO, Sandra Maria ; F. Lemos ; SAITOVITCH, D. ; Coelho, V . Molecular Transcriptional Profile and CD4+CD25+FOXP3+T Cell in operational Tolerance Kidney Transplanted Individuals. In: European Journal of Immunology, 2009, Berlin -. European Journal of Immunology. Weinheim, Germany: Wiley - Blackwell, 2009. v. 39. p. 1-808.

20.
LAVINI-RAMOS,C. ; BASSANEZE, V. ; VIEIRA, P. M. ; SHETTERT, I. T. ; GOWDAK, L. H. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; J, KALIL ; COELHO, V. . Human Bone Marrow and Adipose Tissue Dirived Mesenchymal Stem Cells Present Similar Supressive Activity Over T Cell Proliferation and Cytokine Production. In: XXXIII Congress of the Brazilian Society for Immunology, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

21.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; KALIL, J ; FAÉ, K. C. . Comparação da atividade imunorreguladora de células tronco mesenquimais derivadas de tecido adiposo e de medula óssea. In: 16º SIICUSP - Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

22.
LAVINI-RAMOS,C. ; BASSANEZE, V. ; VIEIRA, P. M. ; SHETTERT, I. T. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; J, KALIL ; COELHO, V. ; FAÉ, K. C. . Comparison of human bone marrow and adipose tissue derived mesenchymal stem cells immunoregulatory properties. In: III Simpósio Internacional de Terapia Celular, 2008, Curitiba. Anais do evento, 2008.

23.
SILVA, H. M. ; COELHO, V. ; KALIL, J ; MARANHAO, A Q ; BRÍGIDO, M M . Induction by humanized anti-CD3 antibodies of IL-10 but not IFN-g and IL-5 in human peripheral blood mononuclear cells. Can it be a way to tolerance?. In: 13th International Congress of immunology, 2008, Rio de janeiro. Anais do evento, 2008.

24.
SILVA, H. M. ; COELHO, V. ; KALIL, J ; MARANHÃO, A Q ; BRÍGIDO, M M . Humanized antibodies anti human CD3. Effector functions and binding activity. In: XXXVII Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Bioquímica e Biologia Molecular - SBBq e XI Congresso da PABMB, 2008, Águas de Lindóia. Anais do evento, 2008.

25.
TAKAENAKA, Maysa ; TEIXEIRA, P. ; VIEIRA, P. M. ; CUNHA NETO, E ; SAITOVITCH, D. ; NEUMANN, J. ; NORONHA, I ; LEMOS, F. B. C. ; DUTRA, W. O. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Differential Urine Proteomic Profile in Human Renal Transplantation.. In: XXXIII Congress of the Brazilian Society for Immunology and II Extra Section of Clinical Immunology, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

26.
VIEIRA, P. M. ; SILVA, H. M. ; TAKAENAKA, Maysa ; SAITOVITCH, D. ; NEUMANN, J ; NORONHA, I ; LEMOS, F. B. C. ; DUTRA, M. ; VASCONCELOS, L. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Operational Tolerance in Kidney Transplantated Individuals: Is there a differential immune molecular profile?. In: XXXIII Meeting of the Brazilian Society for Immunology and II Extra Section of Clinical Immunology, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

27.
MARTELLO, F. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Heat shock proein 60 N-terminal peptides can induce regulatory modifications in human gene expression. In: XXXIII Congress of the Brazilian Society for Immunology and II Extra Section of Clinical Immunology, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

28.
TAKAENAKA, Maysa ; TEIXEIRA, P. ; FRANCOSO, K. S. ; KURAMOTO, A. ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E ; COELHO, V. . Evaluation of Sample Preparation Methods for the Proteome Analysis of Human Urine 2-D Gel Electrophoresis. In: XXXVII Annual Meeting of the Brazilian Society for Biochemistry and Molecular Biology (SBBq) and XI Congress of the Pan American Association for Biochemistry and Molecular Biology (PABMB), 2008, Águas de Lindóia. Anais do evento, 2008.

29.
GUEMBES, A. P. S. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Screening of immunoregulatory HSP60 peptides in murine model.. In: XXXIII CONGRESS OF THE BRASILIAN SOCIETY FOR IMMUNOLOGY, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

30.
VOLSI, E. C. F. R. ; TAKAENAKA, Maysa ; CORREA, S. ; MUNDEL, L R ; KALIL, J ; COELHO, V. . Hsp60 down modulated a proliferation and cytokine production in autologous coculture of T lymphocytes with dendritic cells in three different maturation stage. In: XXXIII CONGRESS OF THE BRASILIAN SOCIETY FOR IMMUNOLOGY,, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

31.
PORTO, Georgia ; NASCIMENTO, V. ; GIORDANO, R J ; KALIL, J ; COELHO, V. . IL-21 peptide identified by phage display on human regulatory CD4+CD25+ T cells: can it be used to block T reg suppressive activity?. In: XXXIII CONGRESS OF THE BRASILIAN SOCIETY FOR IMMUNOLOGY, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

32.
LIN-WANG, H. T. ; OSHIRO, S. E. ; CUNNINGHAM, M ; BACAL, F ; KALIL, J ; COELHO, V. . Autoantibody against human heat shock protein 60 and cardiac myosin peptides in transplanted patients and healthy subjects. In: XXXIII CONGRESS OF THE BRASILIAN SOCIETY FOR IMMUNOLOGY, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

33.
SANTOS, N. M. ; MALMEGRIM, K. C. R. ; ESTEVES, P. B. ; SHETTERT, I. T. ; GOWDAK, L. H. ; KRIEGER, J. ; KALIL, J ; FAÉ, K. C. ; COELHO, V. . Improvement of the T cell receptor repertoire diversity following autologus stem cell therapy in patients with ischemic heart failure.. In: XXXIII CONGRESS OF THE BRASILIAN SOCIETY FOR IMMUNOLOGY, 2008, Ribeirão Preto. Anais do evento, 2008.

34.
SANTOS, N. M. ; MALMEGRIM, K. C. R. ; ESTEVES, P. B. ; SHETTERT, I. T. ; GOWDAK, L. H. ; KRIEGER, J. ; KALIL, J ; FAÉ, K. C. ; COELHO, V. . Improvement of the T cell receptor repertoire diversity following autologus stem cell therapy in patients with ischemic heart failure. In: III Simpósio Internacional de Terapia Celular, 2008, Curitiba. Anais do evento, 2008.

35.
TAKENAKA, M. ; TEIXEIRA, P. ; FRANCOSO, K. S. ; KURAMOTO, A. ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E ; COELHO, V. . Evaluation of Sample Preparation Methods for the Proteome Analysis of Human Urine 2-D Gel Electrophoresis. In: XXXVII Annual Meeting of the Brazilian Society for Biochemistry and Molecular Biology (SBBq) and XI Congress of the Pan American Association for Biochemistry and Molecular Biology (PABMB), 2008, Águas de Lindóia. Anais do evento, 2008.

36.
PORTO, Georgia ; GIORDANO, Ricardo Jose ; MARTI, L. C. ; STOLF, B. ; MOREIRA FILHO, C. A. ; OKAMOTO, O. K. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Peptide Phage Diplay for The Identification of Novel Molecular Markers on Human Thymic Regulatory CD4+CD25+ T Cells. In: Keystone Symposia - Regulatory T Cells, 2007, Vancouver. Anais do evento, 2007. p. 1-1.

37.
PORTO, Georgia ; GIORDANO, Ricardo Jose ; MARTI, L. C. ; STOLF, B. ; MOREIRA FILHO, C. A. ; OKAMOTO, O. K. ; PASQUALINI, R. ; ARAP, W. ; COELHO, V. ; KALIL, Jorge . Is Vitamin D an immunoregulatory molecule for human thymic CD4+CD25+ T cells?. In: 13th International Congress of Immunology, 2007, Rio de Janeiro. Anais do Evento, 2007.

38.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; SHETTERT, I. T. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; KALIL, Jorge ; FAÉ, K. C. . Bone marrow and adipose tissue-derived mesenchymal stem cells presented similar immunoregulatory properties over allogenic and TCR-stimulated T cell responses. In: XIII INTERNATIONAL CONGRESS OF IMMUNOLOGY, 2007, Rio de Janeiro. Anais do evento, 2007.

39.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; SHETTERT, I. T. ; BASSANEZE, V. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; KALIL, Jorge ; FAÉ, K. C. . Células mesenquimais derivadas de tecido adipose e de medula óssea apresentaram capacidade imunoreguladora similar sobre a resposta proliferaiva de linfócitos T. In: 15º Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, 2007, São Paulo. Anais do evento, 2007.

40.
LIN-WANG, H. T. ; MONTEIRO, Sandra Maria ; OSHIRO, Sandra Emiko ; CUNNINGHAM, M. ; BACAL, F. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Autoantibodies anti cardiac myosin and heat shock protein 60 peptides: sequential study in heart transplanted patients and healthy subjects. In: 13th International Congress of Immunology, 2007, Rio de Janeiro. Anais do evento, 2007.

41.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; SHETTERT, I. T. ; BASSANEZE, V. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; KALIL, J ; FAÉ, K. C. . Bone marrow and adipose tissue-derived mesenchymal stem cells presented similar immunoregulatory properties over allogenic and TCR-stimulated T cell responses. In: Avanços em Pesquisas Médicas dos Laboratórios de Investigação Médica do HC-FMUSP, 2007, São Paulo. Anais do evento, 2007.

42.
SOCORRO-SILVA, A. ; MONTEIRO, S M ; VOLSI, E. C. F. R. ; VICTORA, C. G. ; CALDAS, C ; PORTO, Georgia ; J, KALIL ; COELHO, V. . Interaction between human dendritic cells and 60 Kda heat shock protein may result in tolerogenic immune response. In: 13th International Congress of immunology, 2007, Rio de Janeiro. Anais de evento, 2007.

43.
VICTORA, G. D. ; SOCORRO-SILVA, A. ; VOLSI, E. C. F. R. ; ABDALLAH, K A ; Lima, F D ; Michaluart P ; RODRIGUES JUNIOR, J. M. ; LIMA, K ; SILVA, C L ; KALIL, J ; COELHO, V. . Immune response to heat shock protein 65 and 60 in patients with head and neck cancer vaccinated with DNA-Hsp65 in a phase I clinical trial. In: 13th International Congress of Immunology,, 2007, Rio de Janeiro. Anais do evento, 2007.

44.
VOLSI, E. C. F. R. ; MARTELLO, F. ; SOCORRO-SILVA, A. ; MUNDEL, L R ; MONTEIRO, S M ; KALIL, J ; COELHO, V. . Interactions of human Heat Shock Protein 60 kDa (Hsp60) with mouse immature dendritic cells induce potentially immunoregulatory activity. In: 13th International Congress of immunology, 2007, Rio de Janeiro. Anais do evento, 2007.

45.
LIN-WANG, H. T. ; MONTEIRO, Sandra Maria ; OSHIRO, Sandra Emiko ; BACAL, F. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Autoantibodies anti-heat shock protein 60 peptides in healthy subjects and heart transplanted patients. In: XXXI Congresso Brasileiro de Imunologia, 2006, Búzios. Anais do XXXI Congresso Brasileiro de Imunologia, 2006. v. 1. p. 26-26.

46.
PICHITELI, C. R. ; COELHO, V. ; MORAES, L. V. ; MAGNOLI, F. C. ; SANTANNA, O. A. ; TAMBOURGI, D. V. ; SPADAFORAFERREIRA, Monica . Production may be involved in the regulatory activity of Lachesis muta venom protein. In: XXXI Congresso Brasileiro de Imunologia, 2006, Búzios. Anais do XXXI Congresso Brasileiro de Imunologia, 2006. v. 1. p. 28-28.

47.
PORTO, Georgia ; GIORDANO, Ricardo Jose ; MARTI, L. C. ; STOLF, B. ; MOREIRA FILHO, C. A. ; OKAMOTO, O. K. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Identification of molecular markers for human thymic regulatory CD4+CD25+ T cells by Phage Display. In: 1st European Congress of Immunology, 2006, Paris. Anais do evento, 2006.

48.
VICTORA, G. D. ; BILATE, A M B ; SILVA, A Socorro ; CALDAS, Cristina de Araújo ; LIMA, R. C. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. ; VICTORA, C. G. . Mother-child immunological interactions in early life affect long-term humoral autoreactivity to heat shock protein 60 at age 18 years. In: 1st European Congress of Immunology, 2006, Paris. Anais do evento, 2006.

49.
PORTO, Georgia ; GIORDANO, R J ; MARTI, L. C. ; STOLF, B. ; MOREIRA FILHO, C. A. ; OKAMOTO, O. K. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Identification of molecular markers for human thymic regulatory CD4+CD25+ T cells by phage display. In: XXXI Congresso Brasileiro de Imunologia, 2006, Búzios, RJ. Anais do evento, 2006.

50.
SPADAFORAFERREIRA, Monica ; MORAES, L. V. ; PEREIRA, A. S. P. ; ANDRADE, S. A. ; MAGNOLI, F. C. ; COELHO, V. ; SANTANNA, O. A. ; TAMBOURGI, D. V. . Imunoregulatory activity of immunelack from lachesis muta venom on cellular immune responses in mice. In: XXX Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2006, São Pedro, SP. Anais do evento, 2005.

51.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; KALIL, J ; FAÉ, K. C. . Caracterização das condições ideais de cultivo de células tronco mesenquimais humanas. In: 14 Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP, 2006, Ribeirão Preto. Anais de eventos, 2006.

52.
VOLSI, E. C. F. R. ; SILVA, A Socorro ; MONTEIRO, S M ; MUNDEL, Luiz Roberto ; POSTOL, Edilberto ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Is the immature phenotype of murine bone marrow-derived dendritic cells stable?. In: XXX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2005, São Pedro. Anais do XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. São Paulo: Sociedade Brasileira de Imunologia, 2005. v. 1. p. 74-74.

53.
SILVA, A Socorro ; VOLSI, E. C. F. R. ; CALDAS, Cristina ; MONTEIRO, S M ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . IL-10 pretreatment of human monocyte-derived dendritic cells stabilizes the immature phenotype. In: XXX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2005, São Pedro. Anais do XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. São Paulo: Sociedade Brasileira de Imunologia, 2005. v. 1. p. 210-210.

54.
LIN-WANG, H. T. ; OSHIRO, S. E. ; BACAL, F ; CUNNINGHAM, M ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Differential kinetics of autoantibody reactivity to cardiac myosin in heart transplanted patients and in healthy individuals. In: XXX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2005, São Pedro. Anais do XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. São Paulo: Sociedade Brasileira de Imunologia, 2005. v. 1. p. 98-98.

55.
TAKAENAKA, Maysa ; MARRERO, Idania ; MUNDEL, L R ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Physiological cellular autoreactivity in TAP1 KO mice and C57BL/6 display a similar dominant IL-4 profile by elispot. In: XXX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2005, São Pedro. XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. São Paulo: Sociedade Brasileira de Imunologia, 2005. v. 1. p. 72-72.

56.
FERREIRA, M Spadafora ; FAÉ, K. C. ; CALDAS, Cristina ; MARRERO, I ; MOMTEIRO, S M ; TZU, Lin H ; SILVA, A Socorro ; FONSECA, João Americo ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Pacientes transplantados renais apresentam linfócitos T alorreativos pela via indireta com características de células reguladoras. In: IX Congresso Brasileiro de Tranplantes e IV Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes, 2005, Salvador. Anais do IX Congresso Brasileiro de Tranplantes e IV Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes, 2005. v. 1. p. 75-75.

57.
LIMA, D. S. ; COELHO, V. ; COELHO-CASTELO, A. A. M. ; BONATO, V. L. D. ; SARTORI, A. ; SANTOS-JUNIOR, R. R. ; TROMBONE, A. P. ; SOUZA, P. R. M. ; SOARES, E. G. ; SILVA, C L . Screening for autoimmune effects of pvax1-hsp65 dna vaccine employed in cancer and tuberculosis. In: XXX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2005, São Pedro. Anais do XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. São Paulo: Sociedade Brasileira de Imunologia, 2005. v. 1. p. 244-244.

58.
VICTORA, G. D. ; BILATE, A M B ; SILVA, A Socorro ; CALDAS, C ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. ; VICTORA, C. G. . A life-course analysis of humoral autoreactivity to heat shock protein 60. In: XXX Congresso Brasileiro de Imunolgia, 2005, São Pedro. Anais do XXX Congresso Brasileiro de Imunolgia, 2005. v. 1. p. 197-197.

59.
MARTELLO, F. ; FONSECA, João Americo ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. ; RAMASAWMY, R. . Gene polymorphism of mannose binding lectin, a component of innate immunity, may influence human renal allograft rejection. In: XXX Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2005, São Pedro, SP. Anais do evento, 2005.

60.
MARRERO, Idania ; HUFFMAN, Donald ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Inflammatory Response to H-2b+ graft by TAP1-/- Mice: model of pathological autoreactivity to modified self. In: 12th International Congress of Immunology, 2004, Montreal. 12th International Congress of Immunology, 2004. v. 1. p. 74-74.

61.
PORTO, Georgia ; CALDAS, Cristina ; COELHO, V. ; LUNA, Ernesto ; KALIL, Jorge ; OLIVEIRA, Lilian J ; HO, Paulo L . Expression, purification and endotoxin removal of recombinant human heat shock protein 60 and its fragments. In: 12th International Congress of Immunology, 2004, Montreal. 12th International Congress of Immunology, 2004. v. 1. p. 75-75.

62.
POSTOL, Edilberto ; LUNA, Ernesto ; CALDAS, Cristina ; IWAI, Leo K ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . T cell reactivity to Hsp60 in different strains of mice. In: 12th International Congress of Immunology, 2004, Montreal. 12th International Congress of Immunology, 2004. v. 1. p. 75-75.

63.
LUNA, Ernesto ; BUENO, Valquiria ; BENVENUTI, Luiz ; POSTOL, Edilberto ; MUNDEL, Luiz ; CALDAS, Cristina ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . T cell reactivity to Hsp60 in different murine trasnplantation models. In: 12th International Congress of Immunology, 2004, Montreal. 12th International Congress of Immunology, 2004. v. 1. p. 134-134.

64.
CALDAS, Cristina ; SPADAFORAFERREIRA, Monica ; FONSECA, João A ; LUNA, Ernesto ; IWAI, Leo K ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Suggestion of regulatory diversification process directed to heat shock protein 60 in renal transplanted patients. In: 12th International Congress of Immunology, 2004, Montreal. 12th International Congress of Immunology, 2004. v. 1. p. 143-143.

65.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CALDAS, Cristina ; MARRERO, Idania ; MONTEIRO, Sandra M ; TZU, Lin H ; SILVA, Adalberto S ; FONSECA, João A ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Indirect alloreactive T cells with potentially regulatory acticity are present in the periphery and infiltrate the allograft of renal transplant patients. In: 12th International Congress of Immunology, 2004, Montreal. 12th International Congress of Immunology, 2004. v. 1. p. 147-147.

66.
COSTA, P L N ; FONSECA, A S ; SOUZA, D P ; CALDAS, C ; COELHO, V. ; MORO, A M ; KALIL, J ; MARANHÃO, A Q ; BRIGIDO, M M . Humanization and binding activity of humanized/murine hybrid anti-CD3 Scfvs. In: XXXIII Reunião Anual da SBBq, 2004, Caxambu. XXXIII Reunião Anual da SBBq, 2004. v. 1. p. 58-58.

67.
SOUZA, D P ; CALDAS, C A ; COELHO, V. ; MARANHÃO, A Q ; BRIGIDO, M M . FACS analysis of anti-cd18 humanized fvfc antibodies. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 65-65.

68.
POSTOL, Eldibeto ; LUNA, Ernesto ; CALDAS, Cristina ; IWAI, Leo Kei ; ALENCAR, Raquel ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Physiological T cell reactivity to Hsp60 in different strains of mice. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 95-95.

69.
POSTO, Georgia ; GIORDANO, Ricardo Jose ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Identification of molecular markers for human thymic regulatory CD4+CD25+ T cells by phage display. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 43-43.

70.
COSTA, P L N ; PIMENTEL, B M S ; FONSECA, A S ; CALDAS, C A ; COELHO, V. ; MORO, A M ; KALIL, Jorge ; MARANHÃO, A Q ; BRIGIDO, M M . Caracterization of the binding activity of humanized variable domains of an anti-CD3 antibody. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 17-17.

71.
CALDAS, Cristina ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, João Americo ; LUNA, Ernesto ; PORTO, Georgia ; IWAI, Leo Kei ; HO, Paulo Lee ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Differential cellular response to self heat shock protein 60 in renal transplanted patients with chronic rejection or long-term clinical stability. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 15-15.

72.
CALDAS, Cristina ; OSHIRO, Sandra Emiko ; MONTEIRO, Sandra Maria ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, João Americo ; LUNA, Ernesto ; IWAI, Leo Kei ; HO, Paulo Lee ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Human renal graft infiltrating T lymphocytes recognize self heat shock protein 60. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 17-17.

73.
TAKAENAKA, Maysa ; LUNA, Ernesto ; BENVENUTI, Luiz A ; MUNDEL, Luiz Roberto ; CALDAS, Cristina ; NORONHA, Irene ; LOPES, Célio ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Can heat shock protein be used to induce transplantation tolerance murine skin allograft?. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 21-21.

74.
FERREIRA, M Spadafora ; CALDAS, C ; MARRERO, I ; MOMTEIRO, S M ; TZU, L H ; SILVA, A Socorro ; FONSECA, J A ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Indirect T cells present in the periphery and intragraft may have both inflammatory and regulatory role in human renal transplantation. In: XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004, Ouro Preto. XXIX Congresso Brasileiro de Imunologia, 2004. v. 1. p. 27-27.

75.
SPADAFORAFERREIRA, Monica ; CALDAS, Cristina de Araújo ; MARRERO, Idania ; MONTEIRO, Sandra Maria ; TZU, Lin H ; SILVA, A Socorro ; FONSECA, João Americo ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Indirect Alloreactive T Cells with Potentially Regulatory Activity Are Present in the Periphery and Infiltrate the Allograft of Renal Transplant Patients. In: 12th International Congress of Immunology and the 4th Annual Conference of FOCIS, 2004, Montréal. Clinical and Investigative Medicine, 2004. v. 1. p. 1-1.

76.
VÁZQUES, Ernesto Luna ; BENVENUTI, L A ; MUNDEL, L R ; CALDAS, Cristina de Araújo ; LOPES, C ; LIMA, K ; MARRERO, Idania Glafira ; POSTOL, e ; KALIL, J ; COELHO, V. . Can Heat Shock Protein be Used to Induce Transplantation Tolerance to Nurine Allograft?. In: 3º Annual Meeting Anual da Federation of Clinical Immunology Societies, 2003, Paris, 2003.

77.
MARRERO, Idania Glafira ; KALIL, J ; SERCAZ, e ; COELHO, V. . Common dominant expansions detected in the peripheral t cell repertoire of tap1 mutant mice could be involved in the autoreactivity to self h-2kb peptides. In: Basic Sciences Symposium 2003, Keystone Resort,, 2003, Colorado, 2003.

78.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CALDAS, Cristina de Araújo ; MARRERO, Idania Glafira ; MONTEIRO, S M ; TZU, L H ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Functionally distinct donor-specific T cell populations involved in indirect allorecognition are present in the periphery and in the allograft of renal transplant patients. In: BAsic Sciences Symposium 2003, Keystone Resort,, 2003, Colorado, 2003.

79.
CALDAS, Cristina de Araújo ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; VÁZQUES, Ernesto Luna ; IWAI, L K ; KALIL, J ; COELHO, V. . Is there a regulatory role for t cell autoreactivity to hsp60 peptides in renal transplanted patients?. In: BASic Sciences Symposium 2003, Keystone Resort,, 2003, Colorado, 2003.

80.
VÁZQUES, Ernesto Luna ; BENVENUTI, L A ; POSTOL, e ; IWAI, L K ; CALDAS, Cristina de Araújo ; KALIL, J ; COELHO, V. . Study of heat shock protein 60 peptide (p277) to induce transplantation tolerance to murine skin allograft. In: BASic Sciences Symposium 2003, Keystone Resort,, 2003, Colorado.

81.
COELHO, V.; MONTEIRO, S M ; BACAL, F ; TZU, L H ; FERREIRA, Monica Spadafora ; CUNNINGHAM, M ; KALIL, J . T cell autoreactivity to human cardiac myosin light meromyosin peptides in cardiac transplant patients may have both pro-inflammatory and regulatory activities. In: BASic Sciences Symposium 2003, Keystone Resort,, 2003, Colorado, 2003.

82.
IOSCHPE, R ; PALACIOS, S A ; COELHO, V. ; KALIL, J ; GOLDBERG, A C . Analysis of cytokine gene polymorphisms in normal individuals from São Paulo, Brazil. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo, 2003.

83.
FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; MALHEIROS, D M A C ; CALDAS, Cristina de Araújo ; MARRERO, Idania Glafira ; MONTEIRO, S M ; VACCARI, Ione ; TZU, L H ; KALIL, J ; COELHO, V. . indirect allorecognition may have regulatory function in renal transplant patients. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo, 2003.

84.
MONTEIRO, S M ; BACAL, F ; CUNNINGHAM, M ; KALIL, J ; COELHO, V. . cardiac transplanted patients developed t cell proliferative response to human cardiac myosin peptides. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo, 2003.

85.
MARRERO, Idania Glafira ; HUFFMAN, D ; KALIL, J ; SERCAZ, e ; COELHO, V. . Identification of oligoclonal expansions by immunoscope in tap1 mutant mice after rejection of grafts without h-2 disparity. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo.

86.
CALDAS, Cristina de Araújo ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; VÁZQUES, Ernesto Luna ; IWAI, L K ; KALIL, J ; COELHO, V. . IL10 and ifng production against self hsp60 peptides in renal transplanted patients. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo.

87.
VÁZQUES, Ernesto Luna ; BENVENUTI, L A ; MUNDEL, L R ; CALDAS, Cristina de Araújo ; LOPES, C ; LIMA, K ; MARRERO, Idania Glafira ; POSTOL, e ; KALIL, J ; COELHO, V. . Evaluation of different heat shock protein schedule to induce transplantation tolerance to murine skin allograft?. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo.

88.
VACCARI, Ione ; FERREIRA, Monica Spadafora ; MARRERO, Idania Glafira ; GRANJA, Clarissa de Brito ; KALIL, J ; COELHO, V. . Autoreactive t cell repertoires directed to hla-dr peptides and pbmc in the peripheral blood of normal individuals: a serial study. In: 1º Simpósio Avanços em pesquisas médicas dos Laboratório de Investigação Médica HC-FMUSP, 2003, São Paulo.

89.
VÁZQUES, Ernesto Luna ; BENVENUTI, L A ; MUNDEL, L R ; CALDAS, Cristina de Araújo ; SILVA, C L ; LIMA, K ; MARRERO, Idania Glafira ; POSTOL, e ; KALIL, J ; COELHO, V. . Evaluation of different transplantation tolerance schedule with hsp in murine skin allograft. In: allograft VIII Congresso Brasileiro de Transplante, 2003, Fortaleza, 2003.

90.
MARRERO, Idania Glafira ; KALIL, J ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; COELHO, V. . Rejection of grafts without H-2 di spatity by tap 1-/-mice role of CD4+ T cells. In: VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, 2003, Fortaleza. VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, 2003.

91.
MONTEIRO, S M ; KALIL, J ; BACAL, F ; CUNNINGHAM, M ; COELHO, V. . Cardiac transplanted patients developed t cell proliferative response to human cardiac myosin peptides. In: VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, 2003, Fortaleza.

92.
CALDAS, Cristina de Araújo ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; VÁZQUES, Ernesto Luna ; IWAI, L K ; KALIL, J ; COELHO, V. . T cell response to self hsp60 peptides in renal transplanted patients: a regulatory role?. In: VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, 2003, Fortaleza.

93.
CALDAS, Cristina de Araújo ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; VÁZQUES, Ernesto Luna ; IWAI, L K ; KALIL, J ; COELHO, V. . Suggestion of an Autoreactive Regulatory T Cell Repertoire Directed To Hsp60 In Renal Transplanted Patients. In: XXVIII Reunião da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2003, Mangaratiba, 2003.

94.
FONSECA, S G ; COELHO, V. ; MONTEIRO, S M ; GUILHERME, L ; BACAL, F ; BOCCHI, e ; ZHENG, X ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E . Selective growth of CD8+ T cells from heart-infiltrating T cell lines from Chagas'cardiomyopathy patients is associated to the increased IL-15Ra expression. In: XXVIII Reunião da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2003, Mangaratiba, 2003.

95.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CUNHA NETO, E ; IWAI, L K ; COELHO, V. . Comparison between indirect allo-proliferative response and binding prediction to HLA-DR molecules by Tepitope analysis. In: XXVIII Reunião da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2003, Mangaratiba, 2003.

96.
IOSCHPE, R ; COELHO, V. ; FONSECA, J A ; GOLDBERG, A C . Cytokine Gene Polymorphism Analysis in Kidney Transplanted Patients with Chronic Rejection or Non-Chronic Rejection Outcome. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2003, Mangaratiba.

97.
COELHO, V.. T Cell Reactivity to Hsp60 in Murine Model of Vascularized Heart Allografting. In: xxviii Reunião da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2003, Mangaratiba, 2003.

98.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CALDAS, Cristina de Araújo ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Indirect Allorecognition may activate regulatory cells in renal transplantation.. In: FOCIS (Federation of Clinical Immunology Societies) 2nd Annual Meeting, 2002, San Francisco. FOCIS (Federation of Clinical Immunology Societies) 2nd Annual Meeting, 2002. v. 1.

99.
KALIL, J ; MARRERO, Idania Glafira ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; COELHO, V. . Response to H-2Kb Molecules could be relevant pathway of rejection in Tap1 mutant mice.. In: XIX International Congress of the Transplantation Society, 2002, Miami. XIX International Congress of the Transplantation Society. v. 1.

100.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CALDAS, Cristina de Araújo ; FONSECA, J A ; COELHO, V. . Regulatory cells may be involved on Indirect allorecognition in human renal transplantation.. In: XIX International Congress of the Transplantation Society, 2002, Miami. XIX International Congress of the Transplantation Society, 2002. v. 1.

101.
CUNHA NETO, E ; FONSECA, S G ; GUILHERME, L ; COELHO, V. ; BACAL, F ; MONTEIRO, S M ; REIS, M. ; BENVENUTI, L A ; IANNI, B. ; MADY C ; BOCCHI, e ; KALIL, J . Locally produced IL-15 may underlie the predominance of CD8+ IL2R alpha- T cells at heart lesions of human Chagas'disease cardiomyopathy.. In: FOCIS (Federation of Clinical Immunology Societies) 2nd Annual Meeting, 2002, San Francisco, EUA. FOCIS (Federation of Clinical Immunology Societies) 2nd Annual Meeting, 2002. v. 1.

102.
CUNHA NETO, E ; FONSECA, S G ; CLAVE, e ; TEISSERRENC, T ; GUILHERME, L ; IANNI, B. ; MADY C ; GOLDBERG, A C ; COELHO, V. ; UMEZAWA, e ; TOUBERT, A. ; KALIL, J . Heart-infiltrating CD8+ T cells from Chagas'cardiomyopathy patients recognize epitopes fromTrypanosoma cruzi proteins cruzipain and FL-160. In: FOCIS (Federation of Clinical Immunology Societies) 2nd Annual Meeting, 2002, San Francisco. FOCIS (Federation of Clinical Immunology Societies) 2nd Annual Meeting. v. 1.

103.
VÁZQUES, Ernesto Luna ; BENVENUTI, L A ; MUNDEL, L R ; CALDAS, Cristina de Araújo ; LOPES, C ; LIMA, K ; KALIL, J ; COELHO, V. . Can heat shock protein be used to induce transplantation tolerance to murine allograft?. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002. v. 1.

104.
CALDAS, Cristina de Araújo ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; VÁZQUES, Ernesto Luna ; IWAI, L K ; KALIL, J ; COELHO, V. . T cell response to self hsp60 peptides in renal transplanted patients: a regulatory role?. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

105.
MONTEIRO, S M ; BACAL, F ; BAZAN, P ; KALIL, J ; COELHO, V. . T cell autoreactivity to human cardiac myosin peptides in cardiac transplanted patients. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

106.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CALDAS, Cristina de Araújo ; MARRERO, Idania Glafira ; MONTEIRO, S M ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Pbmc-derived t cell lines from renal transplant patients may have regulatory function through indirect allorecognition. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

107.
MARRERO, Idania Glafira ; HUFFMAN, D ; FAÉ, K. C. ; KALIL, J ; SERCAZ, e ; COELHO, V. . Identification of public expansions in the peripheral t cell repertoire reactive to self h-2kb peptides, following rejection of grafts without h-2 disparity, in tap1 mutant mice. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

108.
VACCARI, Ione ; CUNNINGHAM, M ; KALIL, J ; COELHO, V. . Autoreactivity to human cardiac myosin peptides is part of the t cell repertoire in healthy individuals. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

109.
CALDAS, Cristina de Araújo ; OLIVEIRA, L J ; HO, P L ; KALIL, J ; COELHO, V. . Expression, purification and endotoxin removal of recombinant human hsp60 and its fragments. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

110.
SOUZA, D P ; KALIL, J ; COELHO, V. ; MORO, A M ; MARANHAO, A Q ; BRÍGIDO, M M . Expression of humanized anti-CD18 antibody fragments in chinese hamster ovary cells (CHO-K1),. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

111.
IOSCHPE, R. ; PALACIOS, S A ; COELHO, V. ; KALIL, J ; GOLDBERG, A C . Analysis of cytokine gene polymorphisms in normal individuals from São Paulo, Brazil. In: 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2002, Salvador, BA. 27º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. v. 1.

112.
BARROS, M T ; GUERRA, C V ; COELHO, V. ; KALIL, J . Parâmetros prognósticos da evolução da deficiência de IgA. In: XXIX Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia, 2002, Natal, RN.. XXIX Congresso Brasileiro de Alergia e Imunopatologia. v. 1.

113.
FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; GRANJA, Clarissa de Brito ; VACCARI, Ione ; KALIL, J ; COELHO, V. . Possível papel regulador da via indireta de alo-reconhecimento no transplante renal humano.. In: VII Congresso da ABTO., 2001, Vitória, ES,.

114.
LEMOS, F. B. C. ; COELHO, V. ; KALIL, J ; IANHEZ, L. E. ; DAVID NETO, E . O micofenolato mofetil (mmf) modifica a via indireta do alo-reconhecimento na nefropatia crônica do transplante?. In: VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, 2001, Vitória, BA. VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, 2001.

115.
GRANJA, Clarissa de Brito ; MOLITERNO, R A ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Coexistence of regulatory and proinflammatory anti-Hsp 60 autoreactive T cell repertoires in human transplantation.. In: 11Th International Congress of Immunology, 2001, Estocolmo, 2001.

116.
FERREIRA, Monica Spadafora ; GRANJA, Clarissa de Brito ; VACCARI, Ione ; KALIL, J ; COELHO, V. . Functionally distinct cell populations are involved in indirect alloreactivity to HLA-DR peptides.. In: 11Th International Congress of Immunology, 2001, Estocolmo, 2001.

117.
MARRERO, Idania Glafira ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; KAER, L. V. ; COELHO, V. ; KALIL, J . Mechanisms of rejection of h-2b skin graft by tap1 mutant mice (H-2b). In: 7º Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society, 2001, THUN/BERN, 2001.

118.
PORTUGAL, K. G. ; DOZMOROV, I. ; SIDOROV, I. ; MARRERO, Idania Glafira ; FONSECA, J A ; FERREIRA, Monica Spadafora ; KALIL, J ; COELHO, V. . Renal transplant patients show variations in their self-reactive repertoires: a serial study. In: 7º Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society, 2001, THUN/BERN. 7º Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society, 2001.

119.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CALDAS, Cristina de Araújo ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . IL-4 and IL-10 may recruit distinct cell populations involved in the indirect allorecognition in renal transplanted patients. In: 7º Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society, 2001, THUN/BERN, 2001.

120.
DAVID NETO, E ; LEMOS, F. B. C. ; KALIL, J ; IANHEZ, L. E. ; COELHO, V. . Does Mycophenolate Mofetil (MMF) modify indirect allorecognition in chronic allograft nephropathy?. In: 7º Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society, 2001, THUN / BERN, 2001.

121.
CALDAS, Cristina de Araújo ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Effect of exogenous IL-10 on the proliferative response to human and mycobacteria heat shock proteins and on the allogeneic response, in renal transplanted patients, 7º Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society. In: 7º Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society, 2001, THUN/BERN, 2001.

122.
KALIL, J ; LOPES, A. P. ; CURY, P ; COELHO, V. ; TANAKA, A. C. ; POMERANTZEFF, P. ; GUILHERME, L . Rheumatic Heart Disease: Cytokine prolife in heart infiltrating T cell lines stimulated by streptococcal immunodominant M5 peptide and in situ. In: Keystone Symposium on Regulation of Immunity and Autoimmunity, 2001, Keystone, 2001.

123.
FONSECA, S G ; COELHO, V. ; MONTEIRO, S M ; IANNI, B. ; MADY C ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E . Human long-term CD8+ T cell lines express lower levels of IL-2 receptor alpha and gamma chains than long-term CD4+ T cell lines,. In: 11º Congresso Internacional de Imunologia, 2001, Sweden, 2001.

124.
VACCARI, Ione ; FERREIRA, Monica Spadafora ; SILVA C H M ; KALIL, J ; COELHO, V. . Differential response to human HSP60 and bacterial HSP65 in normal individuals,. In: 26º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2001, Campos do Jordão.

125.
CALDAS, Cristina de Araújo ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Proliferative response to human and mycobacteria heat shock proteins with exogenous il-10 in renal transplanted patients,. In: 26º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2001, Campos do Jordão, 2001.

126.
REIS, M. ; FONSECA, S G ; COELHO, V. ; BENVENUTI, L A ; HIGUCHI, M. L. ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E . Is heart-derived il-15 involved in the predominance of CD8+ IL2ralpha- t cells at heart lesions of human chagas'disease cardiomyopathy?. In: 26º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2001, Campos do Jordão, 2001.

127.
MARRERO, Idania Glafira ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; KALIL, J ; COELHO, V. . CD4+ T cells mediate rejection in Tap1-/-mice. In: 26º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2001, Campos do Jordão, 2001.

128.
FERREIRA, Monica Spadafora ; CALDAS, Cristina de Araújo ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . IL-4 and IL-10 may recruit regulatory cells on indirect allorecognition in renal transplantation. In: 26º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2001, Campos do Jordão, 2001.

129.
COELHO, V.; MARRERO, Idania Glafira ; KAER, L. V. ; IWAI, L K ; KALIL, J . Proliferation and cytokine production to self H-2KB peptides, in TAP1-/- Mice. In: 26º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2001, Campos do Jordão, 2001.

130.
OLIVEIRA, I. B. ; COELHO, V. ; LEITAO, T. G. ; SIQUEIRA, F. R. ; BACAL, F ; DOMINGUES, W. V. I. ; KALIL, J ; NORONHA, I L . Expressão de citocinas e mediadores citotóxicos em biópsias endomiocárdicas. In: VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos, 2001, Vitória, 2001.

131.
CALDAS, Cristina de Araújo ; MORO, A M ; BRÍGIDO, M M ; COELHO, V. . Characterization of humanized single-chain Fv that recognizes human CD18 antige. In: 26º Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 2001, Campos do Jordão, 2001.

132.
VACCARI, Ione ; FERREIRA, Monica Spadafora ; GRANJA, Clarissa de Brito ; KALIL, J ; COELHO, V. . Autoreactive T cell repertoires directed to HLA-DR peptides and PBMC in the peripheral blood of normal individuals: a serial study. (Apresentação oral). In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

133.
FERREIRA, Monica Spadafora ; GRANJA, Clarissa de Brito ; FONSECA, J A ; VACCARI, Ione ; KALIL, J ; COELHO, V. . A possible regulatory function for indirect alloreactivity in human renal transplantation.. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Floranópolis, 2000.

134.
COELHO, V.; RUIZ, M. O. ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; KALIL, J . T cell autoreactivity to HLA-DR peptides after human renal transplantation. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology., 2000, Florianópolis, 2000.

135.
COELHO, V.; GRANJA, Clarissa de Brito ; MOLITERNO, R A ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; KALIL, J . Coexistence of autoreactive anti-heat shock protein T cells with pro-inflammatory and regulatory functions in renal transplanted patients.. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

136.
MARRERO, Idania Glafira ; NORONHA, I L ; BENVENUTI, L A ; KAER, L. V. ; IWAI, L K ; COELHO, V. . T cell reactivity to self MHC class I peptides by TAP1 mutant mice.. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

137.
COELHO, V.; MARRERO, Idania Glafira ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; KAER, L. V. ; MUNDEL, L R ; KALIL, J . Immunization of TAP1-deficient mice with self H-2Kb peptides accelerates H-2b skin graft rejection. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

138.
OLIVEIRA, I. B. ; COELHO, V. ; LEITAO, T. G. ; SIQUEIRA, F. R. ; VASQUES, W. ; KALIL, J ; NORONHA, I L . Is there a relationship between the in situ expression of cytotoxic mediators and cardiac allograft rejection?. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

139.
LOPES, A. P. ; CURY, P ; COELHO, V. ; ABEL, L. C. J. ; TANAKA, A. C. ; KALIL, J ; GUILHERME, L . Cytokine profile in heart tissue and infiltrationg T cell lines from rheumatic heart disease patients.. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

140.
FONSECA, S G ; COELHO, V. ; TEODORO, C. ; UEMAZAWA, E. S. ; NASCIMENTO, M. S. ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E . Modulation of class II MHC expression in human cells infected with tryponosoma cruzi.. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

141.
COELHO, V.; RUIZ, M. O. ; KALIL, J . T cell autoreactivity induced by in vitro allogeneic stimulation.. In: XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology, 2000, Florianópolis, 2000.

142.
FONSECA, S G ; COELHO, V. ; TEODORO, C. ; UEMAZAWA, E. S. ; NASCIMENTO, M. S. ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E . Trypanosoma cruzi infection differentially down-modulates the expression of surface class I and class II HLA molecules in human monocytes.. In: XXVII Annual meeting on Basic Research in Chagas Disease, 2000, Caxambu, 2000.

143.
KALIL, J ; GRANJA, Clarissa de Brito ; MOLITERNO, R A ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; COELHO, V. . Serial analysis of human-heat shock proteins reactivity in renal transplantation patients.. In: XVIII International Congress of the Transplantation Society, 2000, Roma, 2000.

144.
MARRERO, Idania Glafira ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; KAER, L. V. ; KALIL, J ; COELHO, V. . TAP1 Mutant mice are reactive to H-2b class I self peptides. In: XVIII International Congress of the Transplantation Society, 2000, Roma, 2000.

145.
GUILHERME, L ; LOPES, A. P. ; CURY, P ; COELHO, V. ; ABEL, L. C. J. ; TANAKA, A. C. ; POMERANTZEFF, P. ; KALIL, J . Cytokine profile in heart tissue and infiltrating T cell lines from Rheumatic Heart Disease patients. In: International Symposium on Autoimmunity Induced by Infection or Immunization, 2000, Annecy, 2000.

146.
FERREIRA, Monica Spadafora ; MARRERO, Idania Glafira ; PORTUGAL, K. G. ; KALIL, J ; SAYEGH, M H ; COELHO, V. . Prospective study of indirect allorecognition to HLA-DR peptides in renal transplantation.. In: VII Congresso Nacional da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos - ABTO,, 1999, Curitiba, 1999.

147.
FERREIRA, Monica Spadafora ; MARRERO, Idania Glafira ; FONSECA, J A ; GRANJA, Clarissa de Brito ; SAYEGH, M H ; KALIL, J ; COELHO, V. . Follow-up of the indirect alloreactivity to HLA-DR peptides in human renal transplantation.. In: Sixth Basic Symposium of the Transplantation Society, 1999, Monterey, CA, USA,, 1999.

148.
MARRERO, Idania Glafira ; NORONHA, I L ; BENVENUTI, L A ; KAER, L. V. ; KALIL, J ; COELHO, V. . TAP1 mutant mice are reactive to H-2b class I self peptides.. In: Sixth Basic Symposium of the Transplantation Society -, 1999, Monterey, CA, USA,, 1999.

149.
GRANJA, Clarissa de Brito ; MOLITERNO, R A ; FERREIRA, Monica Spadafora ; KALIL, J ; COELHO, V. . Serial analysis of human-heat shock proteins reactivity in renal transplantation patients.. In: XXIV Annual Meeting of the Brazilian Society for Immunology., 1999, Águas de Lindóia,, 1999.

150.
FERREIRA, Monica Spadafora ; MARRERO, Idania Glafira ; PORTUGAL, K. G. ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; SAYEGH, M H ; COELHO, V. . Prospective study of indirect allorecognition to HLA-DR peptides in renal transplantation. In: 10th International Congress of Immunology, 1998, Nova Delhi,.

151.
COELHO, V.; MARRERO, Idania Glafira ; NORONHA, I L ; BENVENUTI, L A ; KAER, L. V. ; KALIL, J . TAP 1 Mutant mice reject heart grafts from donors with no MHC disparity.. In: 10th International Congress of Immunology, 1998, Nova Delhi,, 1998.

152.
AITA, C. A. M. ; ABEL, L. C. J. ; FERREIRA, Monica Spadafora ; COELHO, V. ; CUNHA NETO, E ; KALIL, J . Anti-Human Endothelial Cell Antibodies in Chagas'Disease.. In: 24° Reunião de Pesquisa Básica em Doença de Chagas,, 1998, Caxambú, MG, 1998.

153.
COELHO, V.; MARRERO, Idania Glafira ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; KAER, L. V. ; KALIL, J . Tap 1 Mutant Mice Reject Heart Grafts From Donors With No Mhc Disparity. In: Fifth Basic Science Symposium of the Transplantation Society, 1997. Fifth Basic Science Symposium of the Transplantation Society - Program & Poster Abstracts. Chautauqua, New York.

154.
FERREIRA, Monica Spadafora ; MARRERO, Idania Glafira ; PORTUGAL, K. G. ; FONSECA, J A ; IANHEZ, L. E. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Indirect Pathway Of Allorecognition In Long-Term Renal Transplant Patients.. In: Fifth Basic Science Symposium of the Transplantation Society, 1997. Fifth Basic Science Symposium of the Transplantation Society - Program & Poster Abstracts. Chautauqua, New York.

155.
MOLITERNO, R A ; MARRERO, Idania Glafira ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Heat Shock Protein Reactivity In The Peripheral Blood Of Human Renal Transplanted Patients. In: Fifth Basic Science Symposium of the Transplantation Society, 1997, Chautauqua, New York. Fifth Basic Science Symposium of the Transplantation Society - Program & Poster Abstracts.

156.
PORTUGAL, K. G. ; FERREIRA, Monica Spadafora ; MARRERO, Idania Glafira ; DAVID NETO, E ; KALIL, J ; COELHO, V. . Modulation Of T Cell Autoreactivity In Humans, Post Renal Transplantation And Following In Vitro Allostimulation. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 1997. XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. Mangaratiba, Rio de Janeiro, B. p. 125-125.

157.
GRANJA, Clarissa de Brito ; OSHIRO, S. E. ; MONTEIRO, S M ; CUNHA NETO, E ; KALIL, J ; COELHO, V. . Apoptosis In Human Chagas Disease Cardiomyopathy. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 1997. XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. Mangaratiba, Rio de Janeiro, B. p. 99-99.

158.
AITA, C. A. M. ; COELHO, V. ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FIORELLI A ; KALIL, J . Anti-Endothelial Cell Reactivity And Cardiac Allograft Vasculopathy In Human Cardiac Transplantation. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 1997. XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. Mangaratiba, Rio de Janeiro. p. 124-124.

159.
FERREIRA, Monica Spadafora ; MARRERO, Idania Glafira ; PORTUGAL, K. G. ; KALIL, J ; SAYEGH, M H ; COELHO, V. . Modulation Of The Indirect Pathway Of Allorecognition By Allopeptide Reactivity After Renal Transplantation. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 1997. XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia.. Mangaratiba, Rio de Janeiro. p. 124-124.

160.
MONTEIRO, S M ; KALIL, J ; COELHO, V. . Anti- Thymocyte Globulin And Anti-Cd3 Induced Apoptosis In Human Peripheral Blood Lymphocytes. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia, 1997. XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. Mangaratiba, Rio de Janeiro, B. p. 123-123.

161.
SAITO, M. ; COELHO, V. . Citometria de fluxo: novo método de análise de citotoxicidade.. In: XVI Congresso Médico Universitário da Faculdade de Medicina da USP., 1997, SP, 1997.

162.
AZEKA, E. ; BARBEROMARCIAL, M. ; CAMARGO, P. R. ; AULER JR, J. Q. ; JATENE, M. ; COELHO, V. ; KALIL, J ; ATIK, E. ; EBAID, M. . A importância da profilaxia com soro antitimocítico em crianças submetidas a transplante cardíaco. In: LIII Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia., 1997, São Paulo,, 1997.

163.
COELHO, V.; MARRERO, Idania Glafira ; BENVENUTI, L A ; NORONHA, I L ; KAER, L. V. ; KALIL, J . Tap 1 Mutant mice reject heart grafts from donors with no MHC disparity. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia., 1997, Mangaratiba, Rio de Janeiro,.

164.
GRANJA, Clarissa de Brito ; OSHIRO, S. E. ; MONTEIRO, S M ; CUNHA NETO, E ; KALIL, J ; COELHO, V. . Programmed cell death in human chronic Chagas'disease cardiomyopathy. In: 24 Reunião de Pesquisa básica em doença de chagas,, 1997, Caxambú, MG,.

165.
AITA, C. A. M. ; ABEL, L. C. J. ; FERREIRA, Monica Spadafora ; COELHO, V. ; CUNHA NETO, E ; KALIL, J . Anti-human endothelial cell antibodies in Chagas'disease.. In: 24 Reunião de Pesquisa Básica em Doença de Chagas,, 1997, Caxambú, MG,.

166.
MARRERO, Idania Glafira ; MOLITERNO, R A ; FERREIRA, Monica Spadafora ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Heat shock protein reactivity in the peripheral blood of human renal transplanted patients.. In: XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia., 1997, Mangaratiba, Rio de Janeiro,.

167.
PORTUGAL, K. G. ; SANCHES, M ; FERREIRA, Monica Spadafora ; IANHEZ, L. E. ; DAVID NETO, E ; KALIL, J ; COELHO, V. . Modulação da Freqüência de Linfócitos Alo-Reativos Em Transplantados Renais. In: XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines, 1996. XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines. Angra dos Reis, Rio de Janeiro. p. 77-77.

168.
SILVA, R. A. ; COELHO, V. ; FERREIRA, Monica Spadafora ; MONTEIRO, S M ; KALIL, J . Especificidade de Anticorpos Bloqueadores Presentes Na Globulina Anti-Timocitária (Gat): Estratégia Para A Avaliação de Eficácia Biológica?. In: XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines, 1996. XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines. Angra dos Reis, Rio de Janeiro. p. 146-146.

169.
SAITO, M. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Padronização de Método Para Análise de Citotoxicidade Por Citometria de Fluxo. In: XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines, 1996. XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines. Angra dos Reis, Rio de Janeiro. p. 144-144.

170.
MONTEIRO, S M ; COELHO, V. ; FERREIRA, Monica Spadafora ; SILVA, R. A. ; KALIL, J . Modulação de Cd3, Cd4 e Cd8 No Tratamento Com Anti-Cd3 Ou Com A Globulina Anti-Timocitária (Atg). In: XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines, 1996. XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines. Angra dos Reis, Rio de Janeiro. p. 146-146.

171.
MARRERO, Idania Glafira ; BERTINI A ; FERREIRA, Monica Spadafora ; PORTUGAL, K. G. ; FONSECA, J A ; KALIL, J ; COELHO, V. . Evidência da Via Indireta de Alo-Reconhecimento Em Pacientes Transplantados Renais Com Mais de 1 Ano de Transplante. In: XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines, 1996, Angra dos Reis, Rio de Janeiro. XXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Imunologia - International Meeting on cytokines. Angra dos Reis, Rio de Janeiro, 1996. p. 77-77.

172.
COELHO, V.; GUILHERME, L ; CUNHA NETO, E ; MOLITERNO, R A ; RENESTO, G. ; HIGUCHI, M. L. ; KALIL, J . Células T gama/delta no Transplante cardíaco. In: IX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FESBE., 1994, Caxambú, MG, 1994.

173.
DELEU, A. ; SILVA, R. A. ; COELHO, V. ; KALIL, J . Citometria de fluxo na monitoração de pacientes em tratamento com ATG ou anti-CD3.. In: IX Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental - FESBE., 1994, Caxambú, MG,, 1994.

174.
ALBUQUERQUE, F. ; CUNHA NETO, E ; COELHO, V. ; GUILHERME, L ; CARRARA, D. ; BOCCHI, e ; BACAL, F ; HIGUCHI, M. L. ; STOLF, N ; BELOTTI, E. ; PILEGGI, F ; JATENE, A. ; KALIL, J . Proliferative anergy of heart-infiltrating T cells in Chagas'cardiomyopathy: effects of different immunomodulatory regimens. In: XXI Reunião Anual de Pesquisa Básica em Doença de Chagas,, 1994, Caxambú, MG,. Memórias do Instituto Oswaldo cruz,, 1994. v. 89.

175.
ATIK, E. ; BARBEROMARCIAL, M. ; AZEKA, E. ; SANTOS, S. E. ; CAMARGO, P. R. ; COELHO, V. ; EBAID, M. . Nível sanguíneo de ciclosporina: correlação com rejeição aguda no transplante cardíaco infantil. In: L Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia., 1994, Porto Alegre,, 1994.

176.
AZEKA, E. ; BARBEROMARCIAL, M. ; ATIK, E. ; CAMARGO, P. R. ; JATENE, M. ; AULER JR, J. Q. ; RISO, A. ; COELHO, V. ; FIORELLI A ; MARTINS, T. C. ; KAJITA, L. ; GUERPHELLI, J. L. ; CAMARGO, L. ; STRABELLI, T. M. V. ; UIP, D. ; KALIL, J ; SANTOS, S. R. C. J. ; MONTEIRO, D. ; DIAS, C. ; TAMAKI, W. ; SNITCOWSKY, R ; EBAID, M. ; JATENE, A. . Transplante cardíaco infantil. Experiência inicial.. In: L Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia., 1994, Porto Alegre, 1994.

177.
AZEKA, E. ; BARBEROMARCIAL, M. ; ATIK, E. ; CAMARGO, P. R. ; JATENE, M. ; AULER JR, J. Q. ; RISO, A. ; COELHO, V. ; FIORELLI A ; MARTINS, T. C. ; KAJITA, L. ; GUERPHELLI, J. L. ; CAMARGO, L. ; JATENE, A. ; STRABELLI, T. M. V. ; UIP, D. ; KALIL, J ; SANTOS, S. R. C. J. ; MONTEIRO, D. ; DIAS, C. ; TAMAKI, W. ; SNITCOWSKY, R ; EBAID, M. . Transplante cardíaco infantil. Experiência inicial.. In: VI Congresso Latino de Cardiologia Pediátrica., 1994, Puerto de La Cruz, 1994.

178.
GUILHERME, L ; CUNHA NETO, E ; PEDRA, F ; RENESTO, G. ; COELHO, V. ; NEUMANN, J ; SNITCOWSKY, R ; POMERANTZEFF, P. ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Isolation and characterization of crossreactive human heart-specific T cell clones in Rheumatic Heart disease.(RHD). In: III Congresso Latino-Americano de Imunologia (ALAI), 1993, Santiago, 1993.

179.
COELHO, V.; MOLITERNO, R A ; CUNHA NETO, E ; GUILHERME, L ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; STOLF, N ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Propagação de linfócitos infiltrantes de biópsias endomiocárdicas em transplantados cardíacos não tem valor preditivo para rejeição. In: III Congresso da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos,, 1992, São Paulo.

180.
CUNHA NETO, E ; MOLITERNO, R A ; COELHO, V. ; GUILHERME, L ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; KALIL, J ; STEINMAN, L. . Restricted expression of PCR-amplified T cell receptor variable alpha, but not V beta gene segments in human Chagas'disease cardiomyopathy. In: XIV Interamerican Congress of Cardiology,, 1992, Florida, 1992.

181.
COELHO, V.; MOLITERNO, R A ; CUNHA NETO, E ; GUILHERME, L ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; STOLF, N ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Propagation of lymphocytes infiltrating allograft endomyocardial biopsies-No predictive value for rejection. In: 8th International Congress of Immunology,, 1992, Budapest, 1992.

182.
CUNHA NETO, E ; GUILHERME, L ; COELHO, V. ; NEUMANN, J ; ROSALES, C. ; SNITCOWSKY, R ; POMERANTZEFF, P. ; HIGUCHI, M. L. ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Characterization of crossreactive human heart-specific T cell clones in Rheumatic Heart disease.. In: 8th International Congress of Immunology,, 1992, Budapest, 1992.

183.
CUNHA NETO, E ; COELHO, V. ; MOLITERNO, R A ; GUILHERME, L ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; STEINMAN, L. ; KALIL, J . Restricted expression of PCR-amplified T cell receptor variable alpha, but not V beta genes in human Chagas cardiomyopathy.. In: 8th International Congress of Immunology,, 1992, Budapest,, 1992.

184.
COELHO, V.; MUELLER, J. ; TONEGAWA, S. . Heart transplantation in TCR and Rag-1 mutant mice. In: MassaChusets Institute of Technology (MIT) Biology Meeting,, 1992, Cambridge,, 1992.

185.
COELHO, V.; MOLITERNO, R A ; CUNHA NETO, E ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; STOLF, N ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Expansão de Linfócitos infiltrantes em biópsias de transplantados cardíacos.. In: VI Reunião anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FESBE),, 1991, Caxambú, 1991.

186.
COELHO, V.; MOLITERNO, R A ; CUNHA NETO, E ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; STOLF, N ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Expressão dos linfócitos T que apresentam o receptor de célula T gama/delta em aloenxertos de transplantes cardíacos. In: VI Reunião anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FESBE),, 1991, Caxambú, 1991.

187.
COELHO, V.; MOLITERNO, R A ; CUNHA NETO, E ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; STOLF, N ; PILEGGI, F ; KALIL, J . Expansão de Linfócitos infiltrantes em biópsias de transplantados cardíacos-comparação de 4 métodos. In: XLVII Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia, 1991, São Paulo.

188.
CUNHA NETO, E ; SILVA, R. A. ; COELHO, V. ; GUILHERME, L ; HIGUCHI, M. L. ; BOCCHI, e ; STEINMAN, L. ; KALIL, J . Restricted expression of PCR-amplified T cell receptor variable alpha, but not V beta gene segments in human Chaga's disease cardiomyopathy. In: XVII Reunião Anual de pesquisa básica em doença de Chagas, 1991, Caxambú, MG,, 1991.

189.
COELHO, V.; COSSERMELLI, W. ; KALIL, J . Expressão do Receptor de Célula T Gama/Delta em Lúpus Eritematoso Sistêmico. In: II Congresso Latino-Americano de Imunologia (ALAI), junto com o XV Congresso da SBI, 1990, SAO PAULO, 1990.

190.
MENDONÇA, E. C. ; COELHO, V. ; WEIDEBACH, W. F. S. ; ASSAD, R. L. ; GABRIEL JR, A. ; LOPES, A. A. B. ; SALIDIVA, P. H. ; RODRIGUES C J ; COSSERMELLI, W. . Hipertensão Pulmonar em Doenças Difusas do Tecido Conectivo com isotipos anti-RNP e anti-Sm - Associação com anticorpos anti-difosfatidil glicerol.. In: XVII Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1988, B, 1988.

191.
MENDONÇA, E. C. ; COELHO, V. ; GABRIEL JR, A. ; SCHAF, S. ; BRIGIDO, L. F. M. ; COSSERMELLI, W. . Osteoartropatia Hipertrófica-Estudo retrospectivo de 2O casos e revisão de literatura. In: XVII Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1988, B, 1988.

192.
KISS, M. H. ; SILVA C H M ; ROIZENBLATT, S. ; SAMPAIO, S. O. ; COELHO, V. . Febre Reumática com comprometimento articular atípico. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, Belém. Revista Brasileira de Reumatologia,, 1986. v. 26. p. 124-124.

193.
SAMPAIO, S. O. ; KISS, M. H. ; SILVA C H M ; COELHO, V. ; ROIZENBLATT, S. . Iridociclite crônica na infância. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, Belém. Revista Brasileira de Reumatologia, 1986. v. 26. p. 123-123.

194.
MENDONÇA, E. C. ; SANTIAGO, M. B. ; COELHO, V. ; MENDONÇA, L. L. . Síndrome paraneoplásica mimetizando Doença Reumatóide. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, Belém. Revista Brasileira de Reumatologia,, 1986. v. 26. p. 154-154.

195.
KISS, M. H. ; SILVA C H M ; SAMPAIO, S. O. ; COELHO, V. ; ROIZENBLATT, S. . Pulsoterapia em Doenças do Tecido Conectivo- Experiência em 11 crianças. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, BELEM. Revista Brasileira de Reumatologia,, 1986. v. 26. p. 154-154.

196.
ROIZENBLATT, S. ; KISS, M. H. ; SAMPAIO, S. O. ; COELHO, V. . Ácido Acetil Salicílico em ARJ- Correlação entre eficácia, salicilemia e elevações das enzimas hepáticas. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, BELEM. Revista Brasileira de Reumatologia,, 1986. v. 26. p. 122.

197.
COELHO, V.; GABRIEL JR, A. ; MENDONÇA, E. C. ; BRIGIDO, L. F. M. . Lúpus FAN- Negativo e Atividade de Doença-. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, Belém,. Revista Brasileira de Reumatologia,, 1986. v. 26. p. 132-132.

198.
COELHO, V.; WEIDEBACH, W. F. S. ; MENDONÇA, E. C. ; ASSAD, R. L. ; GABRIEL JR, A. ; LOPES, A. A. B. ; SALIDIVA, P. H. ; RODRIGUES C J ; COSSERMELLI, W. . Hipertensão Arterial Pulmonar em Lúpus Eritematoso Sistêmico- Proposta de investigação ilustrada por dois casos.. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia,, 1986, Belém. Revista Brasileira de Reumatologia, 1986. v. 26. p. 133-133.

199.
COELHO, V.; KISS, M. H. ; SILVA C H M ; ROIZENBLATT, S. ; SAMPAIO, S. O. . Deficiência Seletiva de IgA em criança com Artrite Reumatóide Juvenil.. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, Belém. Revista Brasileira de Reumatologia, 1986. v. 26. p. 122-122.

200.
COELHO, V.; SCHAF, S. ; CARVALHO C R C ; ASSAD, R. L. ; MENDONÇA, E. C. ; GABRIEL JR, A. ; COSSERMELLI, W. . Síndrome de Caplan: Relato de caso.. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia,, 1986, Belém. Revista Brasileira de Reumatologia, 1986. v. 26. p. 133-133.

201.
COELHO, V.; MENDONÇA, E. C. ; GABRIEL JR, A. ; SCHAF, S. ; BRIGIDO, L. F. M. ; COSSERMELLI, W. . Osteoartropatia Hipertrófica Associada a Mucoviscidose: Relato de caso.. In: XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1986, Belém. Revista Brasileira de Reumatologia, 1986. v. 26. p. 154-154.

202.
ALMEIDA, I. M. ; COELHO, V. ; ESCUDER, S. . Necrose Avascular Óssea em Lúpus Eritematoso Sistêmico: Descrição de um caso com acometimento de Fêmur e Úmero bilateralmente. In: XV Congresso Brasileiro de Reumatologia, 1984, Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Reumatologia, 1984. v. 24. p. 113-113.

203.
MELO, M. ; COELHO, V. ; BRIGIDO, L. F. M. . Estudo Comparativo dos Métodos para medir a pressão arterial média em cães.. In: 31a.Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), 1977, Fortaleza, 1977.

Resumos publicados em anais de congressos (artigos)
1.
LUNA, Ernesto2005LUNA, Ernesto ; POSTOL, Edilberto ; BENVENUTI, Luiz A ; RODRIGUES, J. M. ; LIMA, K ; CALDAS, C ; KALIL, J ; COELHO, V. . Evaluation of skin graft survival using the encapsulated Hsp60 peptide (p277) in a murine model of minor antigen disparities. Clinical Immunology, Estados Unidos, v. 1, p. 278-278, 2005.

2.
CALDAS, C2005CALDAS, C ; FERREIRA, M Spadafora ; OSHIRO, S. E. ; FONSECA, João A ; LUNA, E ; HO, P L ; KALIL, J ; COELHO, V. . Peripheral and graft infiltrating T Cell responses to self heat shock protein 60 in renal transplant patients. Clinical Immunology, Estados Unidos, v. 1, n.1, p. 281-281, 2005.

Apresentações de Trabalho
1.
Coelho, Verônica; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; Moraes, S . Immunology in Schools Project. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; MORAES, S. ; LAVINI-RAMOS,C. ; SANTOS, P. A. . Projeto Imunologia nas Escolas: um caminho da ciência na educação básica. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; MORAES, S. ; LAVINI-RAMOS,C. ; SANTOS, P. A. . Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; MORAES, S. . Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
Coelho, V. Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
LIN-WANG, H. T. ; OSHIRO, Sandra Emiko ; MONTEIRO, Sandra Maria ; BACAL, F. ; KALIL, Jorge ; Coelho, V . Autoantibodies Reacted to Cardiac Myosin and HSP60 Peptides Has intensive Switching From IGM to IGG in Heart Transplanted Individuals. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
VIEIRA, P. M. ; TAKENAKA, M. ; MONTEIRO, S M ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Tolerância Operacional no Transplante Renal: na Direção de um Perfil Imunorregulador. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
MARIN, M. L. ; SOUZA, P. S. ; COELHO, V. ; CASTRO, M. C. R. ; KALIL, J . Mica Solúvel no Transplante Renal: Possível Marcador de Dano Celular?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
LIN-WANG, H. T. ; OSHIRO, S. E. ; MONTEIRO, S M ; BACAL, F ; CUNNINGHAM, M ; KALIL, J ; COELHO, V. . Perfis diferenciais de autoanticorpos dirigidos à proteína cardíaca e proteína de choque térmico 60 no estado fisiológico e no transplante cardíaco. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
MARIN, M. L. ; SILVA, H. M. ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Mica Solúvel em tolerância operacional no transplante renal. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
SILVA, H. M. ; HERNANDEZ, M.O. ; TAKENAKA, M. ; VIEIRA, P. M. ; MONTEIRO, S M ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, J ; COELHO, V. . B cell repertoire diversity in operational tolerat kidney recipients. Is there a differential prolife?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
TAKENAKA, M. ; SILVA, H. M. ; TEIXEIRA, P. ; VIEIRA, P. M. ; MONTEIRO, S M ; Cunha-Neto, E. ; SAITOVITCH, D. ; LEMOS, F. B. C. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Can urine proteomics discriminate operational tolerance in renal transplantation?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
VIEIRA, P. M. ; SILVA, H. M. ; TAKENAKA, M. ; MONTEIRO, S M ; LEMOS, F. B. C. ; SAITOVITCH, D. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Molecular transcriptional profile and CD4+CD25+FOXP3+T Cells in operational tolerance kidney transplanted individuals. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
TAKENAKA, M. ; TEIXEIRA, P. ; VIEIRA, P. M. ; CUNHA NETO, E ; SAITOVITCH, D. ; NEUMANN, J. ; NORONHA, I ; LEMOS, F. B. C. ; DUTRA, M. ; VASCONCELOS, L. ; KALIL, J ; COELHO, V. . Differential urine proteomic profile in human renal transplantation. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
TAKENAKA, M. ; TEIXEIRA, P. ; FRANCOSO, K. S. ; KURAMOTO, A. ; KALIL, J ; CUNHA NETO, E ; COELHO, V. . Evaluation of Sample Preparation Methods for the Proteome Analysis of Human Urine 2-D Gel Electrophoresis. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

16.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; SHETTERT, I. T. ; BASSANEZE, V. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; KALIL, Jorge ; FAÉ, K. C. . Bone marrow and adipose tissue-derived mesenchymal stem cells presented similar immunoregulatory properties over alogenic and TCR-estimulated T cell responses. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; SHETTERT, I. T. ; BASSANEZE, V. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; KALIL, Jorge ; FAÉ, K. C. . Células mesenquimais derivadas de tecido adipose e de medula óssea apresentaram capacidade imunoreguladora similar sobre a resposta proliferaiva de linfócitos T. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

18.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; SHETTERT, I. T. ; BASSANEZE, V. ; MIYAKAWA, A. A. ; KRIEGER, J. ; KALIL, Jorge ; FAÉ, K. C. . Bone marrow and adipose tissue-derived mesenchymal stem cells presented similar immunoregulatory properties over alogenic and TCR-estimulated T cell responses. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

19.
MICHALUART JUNIOR, P. ; ABDALLAH, K A ; Lima FD ; Smith RB ; Moyses, R A ; Coelho, V ; KALIL, Jorge ; FERRAZ, A. R. ; CHAMMAS, MC ; GOMES, R ; ARAKAWA-SUGUENO, L ; GEBRIM, E ; LOTUFO, PA ; CARDOSO, M R ; SILVA, C L . Phase I/II Trial od DNA-HSP65 Immunotherapy for Advanced Squammous Cell Carcinoma of the Head and Neck: Toxicity and Response. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

20.
LIN-WANG, H. T. ; MONTEIRO, S M ; OSHIRO, Sandra Emiko ; CUNNINGHAM, M ; BACAL, F ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Autoantibodies anti cardiac myosin and heat shock protein 60 peptides: sequential study in heart transplanted patients and healthy subjects.. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
PORTO, Georgia ; GIORDANO, Ricardo Jose ; MARTI, L. C. ; MOREIRA FILHO, C. A. ; OKAMOTO, O. K. ; PASQUALINI, R. ; ARAP, W. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Is Vitamin D an immunoregulatory molecule for human thymic CD4+CD25+ T cells?. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

22.
PORTO, Georgia ; GIORDANO, R J ; MARTI, L. C. ; STOLF, B. ; MOREIRA FILHO, C. A. ; OKAMOTO, O. K. ; KALIL, Jorge ; COELHO, V. . Peptide Phage Diplay for The Identification of Novel Molecular Markers on Human Thymic Regulatory CD4+CD25+ T Cells.. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

23.
LAVINI-RAMOS,C. ; COELHO, V. ; KALIL, Jorge ; FAÉ, K. C. . Caracterização das condições ideais de cultivo de células tronco mesenquimais humanas. 2006. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

Outras produções bibliográficas
1.
Coelho, V; FARIA, A. M. C. . Prefácio da Edição em Português do livro: CUIDANDO DO JARDIM DE ADÃO: A Evolução do Ser Imunológico Cognitivo. São Paulo, 2012. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

2.
Coelho, V. Prefácio - MÉTODO LÓGICO PARA REDAÇÃO CIENTÍFICA, 2011. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

3.
COELHO, V.. Eli Sercaz. Grande amigo. Grande cientista. Grande ser humano, 2009. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

4.
VOLPATO, G. L. ; COELHO, V. . Prefácio - Bases teóricas para redação científica. São Paulo, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
Coelho, V. Supervisora Titular do Programa de Aprimoramento Profissional em Imunologia Clínica e Experimental. 2002.

Produtos tecnológicos
1.
SILVA, H. M. ; VIEIRA, P. M. ; COSTA, P L N ; PIMENTEL, B M S ; MORO, A. M. ; KALIL, J ; MARANHÃO, A Q ; COELHO, V. ; BRIGIDO, M M . Anti-CD3 humanizado. 2008.

2.
KALIL, J ; COELHO, V. ; PANAJOTOPOULOS, N ; SILVA, R. A. ; RAW, I. ; MORO, A M . Globulina Anti-Timocitária (Registro Em Andamento). 1994.

Processos ou técnicas
1.
Coelho, V; Cunha, Paulo ; SAMPAIO, S. O. ; Moraes, Sandra . Projeto Imunologia nas Escolas. 2011.

Trabalhos técnicos
1.
Coelho, V; FARIA, A. M. C. ; PORDEUS, V. . Revisão da Tradução para Português do Livro do Cientista Irun Cohen: CUIDANDO DO JARDIM DE ADÃO: A Evolução do Ser Imunológico Cognitivo. 2012.

Redes sociais, websites e blogs
1.
Manoel Barral-Netto ; CALDAS, Cristina ; Bilate, Angelina M.B. ; Coelho, V . Blog da SBI. 2011; Tema: Imunologia. (Blog).

2.
Manoel Barral-Netto ; Coelho, V ; CALDAS, Cristina ; Bilate, Angelina M.B. . Blog da SBI. 2010; Tema: Imunologia. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; Moraes, S . Apostilas do Projeto Imunologia nas Escolas - iii-INCT. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostilas).

2.
Coelho, V; CUNHA, P. ; MORAES, S. ; SAMPAIO, S. O. ; LAVINI-RAMOS,C. . Apostilas do Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Editoração/Outra).

3.
COELHO, V.; Cunha, Paulo ; Sampaio, Silvia O ; Moraes, Sandra ; Ferraz, LF ; Martins, C ; LAVINI-RAMOS,C. ; Brandão, W ; Alessandra Schanoski ; Meirelles, T ; Clemente, T ; Medina, L ; Souza, CN ; Moulatlet, ACB ; Salomón, MA ; Pavanelli, JC ; Bizzo, N ; Garcia, PS . Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Projeto Educacional).

4.
COELHO, V.. Modelos animais usados em pesquisa biomédica. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
COELHO, V.. Atualização em Imunologia para professores universitários. 2009. .

6.
COELHO, V.; MOUDGIL, K. D. . Heat-shock proteins: inflammatory versus regulatory attributes. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
COELHO, V.. Atualização em áreas do conhecimento das doenças reumáticas. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

8.
Coelho, V. Imunologia dos Transplantes. 2007. .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BONORINO, C. B. C.; COELHO, V.; FARIA, A. M. C.; BONOMO, A. C.; NICOLI, J. R.. Participação em banca de Thiago de Jesus Borges. Vias efetoras pelas quais a Hsp70 de Mycobacterium tuberculosis inibe a rejeição aguda em um modelo de aloenxerto cutâneo. 2012. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Molecular) - Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul.

2.
COELHO, V.; SILVA, V. J. D.; FARIAS, K. C. R. M.. Participação em banca de Carolina Lavini Ramos. Células mesenquimais humanas: bases moleculares da atividade imunorreguladora in vitro. 2011. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Médicas.) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

3.
COELHO, V.. Participação em banca de Maisa Carla Silveira Takenaka. Peptídeos urinários no transplante renal humano: busca de um perfil diferencial na tolerância operacional. 2010. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

4.
COELHO, V.. Participação em banca de Anna Paula Sheppard Guembes. Mapeamento de peptídeos da proteína de choque térmico 60 potencialmente imunorreguladores no modelo murino. 2010. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

5.
COELHO, V.. Participação em banca de Estevam José Baldon. Ações das HSP65 nativa e sua mutante K409 A de Mycobacterium leprae durante o processo de envelhecimento. 2010. Dissertação (Mestrado em Pós - Graduação) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

6.
COELHO, V.; Manfro, R.C.; CAMARA, N. O. S.. Participação em banca de Vinicius de Andrade Oliveira. Níveis de expressão gênica de TLR4 e MYD88 no sangue do receptor predizem o retardo na recuperação da função do enxerto renal de doadores falecidos. 2010. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação) - Universidade Federal de São Paulo.

7.
COELHO, V.. Participação em banca de Fernanda Gonçalves Martello. Hsp60 e imunorregulação: estratégias para identificação de peptídeos imunorreguladores. 2010. Dissertação (Mestrado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

8.
COELHO, V.; SAITOVITCH, D.; Maria Sato; BARROS, M T; CHAMMAS, R.; BUENO, Valquiria. Participação em banca de Pedro Manoel Mendes de Moraes Vieira. Estudo do perfil imunológico molecular em indivíduos transplantados renais com tolerância operacional. 2009. Dissertação (Mestrado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

9.
COELHO, V.; Spadafora-Ferreira, M; Viana, V. S. T. V.; DINKHUYSEN, J.J.; FERREIRA, A.M.A.; BARROS, M T. Participação em banca de Hui-Tzu Lin Wang. Autorreatividade humoral a peptídeos da miosina cardíaca e proteína de choque térmico 60: estudo sequencial de pacientes transplantados cardíacos e indivíduos saudáveis. 2009. Dissertação (Mestrado em Alergia e Imunopatologia) - Universidade de São Paulo.

10.
COELHO, V.. Participação em banca de Thais Boccia da Costa. .. 2009. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo.

11.
COELHO, V.. Participação em banca de Gabriela Trentin Scortegagna. Análise da expressão de genes relacionados a células T reguladoras, Th17, Th1 e Th2 em pacientes com doenças auto-imunes submetidos ao transplante autólogo de células tronco hematopoiéticas. 2009. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação) - Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto.

12.
COELHO, V.; REIS, L. F. L.; BARBUTO, J. A. M.. Participação em banca de Gabriel Damiani Victora. Resposta imune às proteínas de choque térmico 65 e 60 em indivíduos portadores de carcinoma epidermóide de cabeça e pescoço vacinados com DNA-HsP65 em ensaio clínico de fase I. 2006. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Universidade de São Paulo.

13.
COELHO, V.. Participação em banca de Daniela Dantas Moré. Modulação da resposta imune pela saliva de carrapatos rhipicephalus sanguineus: estudo do envolvimento de délulas T regulatórias. 2006. Dissertação (Mestrado em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade de São Paulo.

14.
COELHO, V.. Participação em banca de Rubens Rodrigues dos Santos Júnior. Avaliação da vacina de DNA-hsp65 na indução de artrite experimental.. 2002. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo.

15.
COELHO, V.. Participação em banca de Lilia da Silva Rios. Avaliação da imunidade de pacientes aidéticos e com retinite pelo cytomegalovirus antes e após a terapia antiretroviral de grande eficência (HAART. 2002. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

16.
COELHO, V.. Participação em banca de Cláudia Biasutti. Cláudia Biasutti. 2001. Dissertação (Mestrado em Medicina) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

17.
COELHO, V.. Participação em banca de Dalton Luis Bertolini. Dalton Luis Bertolini - Qualificação. 2000. Dissertação (Mestrado em Medicina Alergia e Imunopatologia) - Universidade Federal de São Paulo.

18.
COELHO, V.. Participação em banca de Vinícius Nogueira Motta. Vinícius Nogueira Motta - Qualificação. 2000. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

19.
COELHO, V.. Participação em banca de Vinícius Nogueira Motta. Vinícius Nogueira Motta. 2000. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

20.
COELHO, V.. Participação em banca de Cristina de Araújo Caldas. Cristina de Araújo Caldas. 1999. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)) - Universidade de Brasília.

21.
COELHO, V.. Participação em banca de Paulo Guilherme Renesto. Paulo Guilherme Renesto. 1999. Dissertação (Mestrado em Pediatria e Ciências Aplicadas à Pediatria) - Universidade Federal de São Paulo.

22.
COELHO, V.. Participação em banca de Karina Gil Portugal. Karina Gil Portugal. 1998. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

23.
COELHO, V.. Participação em banca de Andriy Morgun. Andriy Morgun. 1998. Dissertação (Mestrado em Pediatria e Ciências Aplicadas à Pediatria) - Universidade Federal de São Paulo.

Teses de doutorado
1.
BARBUTO, J. A. M.; COELHO, V.; KANENO, R.; CAMARA, N. O. S.; CALICH, V. L. G.. Participação em banca de RENATO BRITO BALEEIRO. APRESENTAÇÃO CRUZADA E ATIVIDADE IMUNO-ESTIMULADORA DE CÉLULAS DENDRÍTICAS PULSADAS COM ANTÍGENOS PARTICULADOS ACOPLADOS A UM AGONISTA DE ?TOLL-LIKE RECEPTOR. 2012. Tese (Doutorado em IMUNOLOGIA) - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo.

2.
COELHO, V.. Participação em banca de Hernandez Moura Silva. Tolerância operacional no transplante renal humano: repertório de linfócitos B e de alo e autoanticorpos. 2011. Tese (Doutorado em Programa de Alergia e Imunopatologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

3.
COELHO, V.. Participação em banca de Leonardo Vidal Riella. Importância da via de sinalização NOTCH no transplante. 2011. Tese (Doutorado em Medicina (Nefrologia)) - Universidade Federal de São Paulo.

4.
FARIA, A. M. C.; COELHO, V.; MIYOSHI, A.; CARMONA, D.. Participação em banca de Ana Cristina Gomes Santos. Estratégias alternativas de imunomodulação nas doenças inflamatórias intestinais. 2011. Tese (Doutorado em Bioquímica e Imunologia) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
BONOMO, A.C.; DOSREIS, G. A.; VIOLA, J. P. B.; COELHO, V.; RUMJANEK, V.M.B.D.. Participação em banca de João Paulo Botelho Monteiro. Autoimunidade e tolerância. 2009. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas (Biofísica)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
MARIANO, M.; CAMARA, N. O. S.; CAMARGO, M. M.; BASSO, A. S.; COELHO, V.. Participação em banca de Mauro Fantini Nogueira Martins. Participação de células B-1 na rejeição de aloenxertos no camundongo. 2009. Tese (Doutorado em Micro-Imuno-Parasitologia) - Universidade Federal de São Paulo.

7.
COELHO, V.; MARIANO, M.; CAMARA, N. O. S.; CAMARGO, M. M.; BASSO, A. S.. Participação em banca de Mauro Fantini Nogueira Martins. Participação de células B-1 na rejeição de aloenxertos no camundongo. 2009. Tese (Doutorado em Microbiologia e Imunologia) - Universidade Federal de São Paulo.

8.
COELHO, V.. Participação em banca de Georgia Sabio Porto Mundin. Identificação de marcadores para células T reguladoras humanas com perfil CD4+CD25+ por phage display. 2008. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

9.
COELHO, V.. Participação em banca de Evelyn Cristina Figueiredo Romão Volsi. Células dendríticas e a proteína de Choque térmico 60KDA (Hsp60): estratégias para imunorregulação do sistema imune murino. 2008. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

10.
COELHO, V.. Participação em banca de Adalberto Socorro da Silva. Papel das células dendríticas no direcionamento funcional da auto-reatividade celular à HSP60 no sistema humano. 2007. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

11.
LOPES, Célio; FOSS, M. C.; SANTOS, I. K. F. M.; COELHO, V.; FRANCO, M.. Participação em banca de Rubens Rodrigues dos Santos Junior. Avaliação do efeito da Vacina de DNA-hsp65 na indução e modulação de diabetes experimental. 2006. Tese (Doutorado em Imunologia Básica e Aplicada) - Universidade de São Paulo.

12.
COELHO, V.. Participação em banca de Ricardo Alkmim Teixeira. Prevalência de doença do sistema de condução cardíaco em pacientes com lupus eritematoso sistêmico. 2006. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

13.
COELHO, V.. Participação em banca de Daniel de Sousa Mucida. Sistema imune da diversidade interna e externa. 2005. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo.

14.
COELHO, V.. Participação em banca de Ernesto Luna Vazquez. Caracterização de subpopulações de Linfócitos T pro-inflamatórios e reguladoras que reconhecem proteinas de choque termico no contexto de alotransplante murino. 2005. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

15.
COELHO, V.. Participação em banca de Cristina de Araújo Caldas. Estudo sequencial da auto-reatividade celular à proteína de choque térmico 60 em pacientes transplantados renais e indivíduos sadios: busca de epitopos potencialmente reguladores. 2005. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo.

16.
COELHO, V.. Participação em banca de Nélson Zocoler Galante. Marcadores de ativação imunológica avaliados na urina de transplantados renais por citometria de fluxo e reação em cadeia da polimerase em tempo real. 2005. Tese (Doutorado em Medicina (Nefrologia)) - Universidade Federal de São Paulo.

17.
COELHO, V.. Participação em banca de Monica Sapadafora Ferreira. Estudo prospectivo da via indireta de alo-reconhecimento em pacientes transplantados renais. 2003. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

18.
COELHO, V.. Participação em banca de Andriy Morgun. Monitorização imunológica de rejeição aguda em transplante cardíaco através de parâmetros investigados no sangue e em biópsias endomiocárdicas.. 2002. Tese (Doutorado em Pediatria e Ciências Aplicadas à Pediatria) - Universidade Federal de São Paulo.

19.
COELHO, V.. Participação em banca de Adriana Lima Vallochi. Imunopatologia e imunogenética da retinocoroidite por Toxoplama gondii.. 2002. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

20.
COELHO, V.. Participação em banca de José Angelo Lauletta Lindoso. Apoptose na evolução da leishmaniose visceral experimental em hamster. 2002. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

21.
COELHO, V.. Participação em banca de Claudia Verónica Guerra Cevallos. Níveis de IL-5, IL-6, IL-10 e TGFb em pacientes com deficiência de imunoglobulina A.. 2002. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

22.
COELHO, V.. Participação em banca de Idania Glafira Marrero. Mecanismos de rejeição de enxertos sem disparidade H-2, em camndongos deficientes de moléculas de MHC de classe I. 2002. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo.

23.
COELHO, V.. Participação em banca de Niels Olsen Saraiva Câmara. Niels Olsen Saraiva Câmara. 2000. Tese (Doutorado em Medicina (Nefrologia)) - Universidade Federal de São Paulo.

24.
COELHO, V.. Participação em banca de Auro Nomizo. Auro Nomizo. 1998. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

Qualificações de Doutorado
1.
COELHO, V.. Participação em banca de Renato Brito Baleeiro. Fenótipo de membrana e atividade imunoestimuladora de células dendríticas humanas pulsadas com antígenos acoplados fisicamente a agonistas de Toll-like receptor. 2010. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Imunologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

2.
COELHO, V.. Participação em banca de Auro Nomizo. Auro Nomizo. 1998. Exame de qualificação (Doutorando em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas.

Outros tipos
1.
COELHO, V.. Participação em banca de Silvia de Barros Mazon. Silvia de Barros Mazon. 1998. Outra participação, Instituto de Ciências Biomédicas.

2.
COELHO, V.. Participação em banca de Marcos Augusto Grigolin Grisotto. Marcos Augusto Grigolin Grisotto. 1998. Outra participação, Instituto de Ciências Biomédicas.

3.
COELHO, V.. Participação em banca de Hélio Gomes Cardim Silva. Hélio Gomes Cardim Silva. 1998. Outra participação, Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
COELHO, V.. Biologista - Laboratório de Fotobiologia Histocompatibilidade e Imunidade Celular - Lim 19. 2010. Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

2.
COELHO, V.. Biologista - Laboratório de Fotobiologia Histocompatibilidade e Imunidade Celular - LIM-19. 2005. Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.

Avaliação de cursos
1.
COELHO, V.. Simpósio Internacional de Imunologia - Fundação Carlos Chagas - FIOCRUZ Curitiba. 2012. Fundação Carlos Chagas - FIOCRUZ Curitiba.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VII Encontro da Pós-graduação em Imunologia - ICB-USP.Projeto Imunologia nas Escolas. 2018. (Encontro).

2.
XLII Congress of the Brazilian Society of Immunology. Educação em Imunologia. 2017. (Congresso).

3.
XLII Congress of the Brazilian Society of Immunology. The maternal microbiota drives early post natal innate immune development. 2017. (Congresso).

4.
18ª Reunião Científica Anual do Instituto Butantan (RCA).?Ciência para a Sociedade?: Projeto Imunologia nas Escolas. 2016. (Encontro).

5.
XLI Congress of the Brazilian Society of Immunology. Education Projects: Building and Promoting Engagement- Immunology in Schools Project. 2016. (Congresso).

6.
11CONGRESS OF LATIN AMERICAN ASSOCIATION IMMUNOLOGYGY. Transplantation Immunology. 2015. (Congresso).

7.
13th Basic Science Symposium of the Transplantation Society.Tolerance in Clinic. 2013. (Simpósio).

8.
Conferência USP 2013: FROM THE COMPLEX ETIOLOGY OF DISEASES TO TRANSLATIONAL STRATEGIES.INFLAMMATION, NEUROIMMUNOREGULATION AND HOMEOSTASIS BREAKDOWN. 2013. (Outra).

9.
Frontiers in Transplantation: Clinical Excellence through Innovation. 2013. (Outra).

10.
Translational Bioinformatics Workshop. 2013. (Oficina).

11.
Cell Stress.Strategies to identify immunoregulatory Hsp60 peptides. 2012. (Simpósio).

12.
Encontro com a Comunidade Científica 2012: Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde no Projeto Nacional de Desenvolvimento.Células Tronco Mesenquimais e Células T reguladoras do Tecido Adiposo Humano: Interação e Imunorregulação. 2012. (Encontro).

13.
I Simpósio Internacional de Imunologia - Instituto Carlos Chagas - FIOCRUZ.Immunoregulatory activity of mesenchymal stem cells: interaction of multiple molecular pathways. 2012. (Simpósio).

14.
Seminários Avançados de Pesquisa em Ciências do Programa de Pós -Graduação em Ciências da Saúde em Salvador - Bahia.Tolerância Operacional no transplante renal humano. 2012. (Seminário).

15.
XIX Encontro de Genética do Nordeste - I Simpósio de Genética Humana Médica do Nordeste.Atividade Imunorreguladora das células tronco mesenquimais envolve múltiplos caminhos moleculares. 2012. (Simpósio).

16.
XXXVII Congress of The Brazilian Society of Immunology. Keynote VI: Immuno-modulation of type I diabetes hy HSP60: resutts from phase III clinical trial - Irun Cohen. 2012. (Congresso).

17.
2º Workshop de Capacitação para Pesquisadores da USP em Publicação Científica.2 Workshop de Capacitação para Pesquisadores da USP em Publicação Científica. 2011. (Oficina).

18.
Keystone Symposia on Molecular and Cellular Biology - Immunoregulatory Networks.Preserved Quantity of the CD19+CD24hiCD38HI supressive b cell population differentiates operationally tolerant Kidney recipents from chronic rejection.. 2011. (Simpósio).

19.
4º Simpósio Avanços em Pesquisas.Autoantibodies Reacted to Cardiac Myosin and HSP60 Peptides Has intensive Switching From IGM to IGG in Heart Transplanted Individuals. 2010. (Simpósio).

20.
Treinamento de Citometria de Fluxo - FACSCanto II TM.Citometria de Fluxo - FACSCantto II TM. 2010. (Outra).

21.
2nd European Congress of Immunology. Molecular transcriptional profile and CD4+CD25+FOXP3+T Cells in operational tolerance kidney transplanted individuals. 2009. (Congresso).

22.
disciplina de Imunologia do curso de Doutorado do Programa de Pós-Graduação em Bioquímica e Imunologia.Imunobiologia do transplante e tolerância. 2009. (Outra).

23.
I Curso de Atualização em Imunologia Para Professores Universitários.Imunologia. 2009. (Outra).

24.
II International Meeting on Stem Cells. Centro Brasileiro Britânico. 2009. (Encontro).

25.
XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH. Perfis diferenciais de autoanticorpos dirigidos à miosina cardíaca e proteína de choque térmico 60 no estado fisiológico e no transplante cardíaco. 2009. (Congresso).

26.
XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH. Tolerância Operacional no Transplante Renal: na Direção de Um perfil Imunorregulador. 2009. (Congresso).

27.
XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH. Mica Solúvelno Transplante Renal: Possível Marcador de Dano Celular?. 2009. (Congresso).

28.
XI Congresso Brasileiro de Transplantes, VIII Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes;X Encontro Brasileiro de Enfermagem em Transplantes; II Encontro Multiprofissional em Transplates e Fórum de Histocompatibiliade da ABH. Mica Solúvel em Tolerância Operacional no Transplante Renal. 2009. (Congresso).

29.
XXXIV Congress of the Brazilian Society for Immunology. Can urine proteomics discriminate operational tolerance in renal transplantation?. 2009. (Congresso).

30.
XXXIV Congress of the Brazilian Society for Immunology. B cell repertoire diversity in operational tolerat kidney recipients. Is there a differential prolife?. 2009. (Congresso).

31.
XXXIV Congress of the Brazilian Society for Immunology and X International Symposium on Allergy and Clinical Immunology. Immunobiology of tolerance and transplantation - Learning from Operational Tolerance in Human Transplantation. 2009. (Congresso).

32.
III Simpósio Internacional de Terapia Celular. 2008. (Simpósio).

33.
Reunião do Instituto de Investigação em Imunologia.Apresentação de resultados e projetos. 2008. (Encontro).

34.
XXXIII Congresso f the Brazilian Society for Immunology and III Extra Section of Clinical Immunology ? ESCI. 2008. (Congresso).

35.
13th International Congress of Immunology. 2007. (Congresso).

36.
13th International Congress of Immunology: Course "Basic Immunology for clinicians". 2007. (Congresso).

37.
X Congresso Brasileiro de Transplantes (ABTO 2007). Curso pré-congresso - From bench to bedside 2007 - 4 ª edição: Tema: Monitorização em transplantes; Modulação e monitorização da resposta imune celular e inflamatória no transplante; Heat shock protein, células dendríticas e imunoregulação. 2007. (Congresso).

38.
Aula: Avanços Tecnológicos - Laboratório de Imunologia.Projeto ATENAS - Atualização em Tecnologia, Ensino e Assistência. 2006. (Outra).

39.
Biological Cardiac Repair: A critical appraisal (Heart Institute - InCor, 18/09/2006). 2006. (Simpósio).

40.
I Curso de Escrita Científica do Instituto de Investigação em Imunologia. 2006. (Outra).

41.
I simpósio internacional de citometria de fluxo, Laboratório de Imunologia II - DIPA, 14 e 15/09/2006. 2006. (Simpósio).

42.
Simpósio: Células tronco adultas e embrionárias: A pesquisa antes do tratamento , promovido pelo Centro de Estudos do Genoma Humano e Invitrogen, 09/06/06.. 2006. (Simpósio).

43.
XXXI Congresso Brasileiro de Imunologia, promovido pela Sociedade Brasileira de Imunologia, 22 a 25/10/2006.. 2006. (Congresso).

44.
Palestrante: O papel regulatório de auto-antígenos na aloreatividade. IX Congresso Brasileiro de Transplantes e IV Congresso Luso-Brasileiro de Transplantes. 2005. (Congresso).

45.
Poster Evaluation Committee. XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. 2005. (Congresso).

46.
Scientific Committee. XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. 2005. (Congresso).

47.
XXX Congresso Brasileiro de Imunologia. Congressista. 2005. (Congresso).

48.
IV Reunião do iii - Instituto de Investigação em Imunologia. 2003. (Encontro).

49.
V Reunião do iii Instituto de Investigação em Imunologia. 2003. (Encontro).

50.
XVIII Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental-FeSBE. 2003. (Congresso).

51.
2nd Annual Meeting - FOCIS (Federation of Clinical Immunology Societies). 2002. (Congresso).

52.
International Symposium Schering-Plough of Clincal Immunology and Allergy. 2002. (Simpósio).

53.
I Workshop da Rede Brasileira de Pesquisa em Tuberculose (REDE-TB). 2002. (Outra).

54.
KIRIN Ideashop meeting on Regulation of Autoimmunity. 2002. (Congresso).

55.
XXVII Meeting of the Brazilian Society of Immunology. 2002. (Congresso).

56.
Research Group The Sciences of Complexity: From Mathematics to Technology to a Sustainable World. 2001. (Encontro).

57.
The 7th Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society. 2001. (Simpósio).

58.
VII Congresso da Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO). 2001. (Congresso).

59.
XXVI Meeting of the Brazilian Society of Immunology. 2001. (Congresso).

60.
XXV Meeting of the Brazilian Society of Immunology. 2000. (Congresso).

61.
The Sixth Basic Sciences Symposium of the Transplantation Society. 1999. (Simpósio).

62.
XXIV Congresso Sociedade Brasileira de Imunologia. 1999. (Congresso).

63.
International Meeting on Vaccines da Sociedade Brasileira de Imunologia. 1998. (Congresso).

64.
Simpósio ?Novas Perspectivas em Imunossupressão?. 1998. (Simpósio).

65.
Workshop: Antropologia complexa e a ética do futuro. 1998. (Outra).

66.
Fifth Basic Science Symposium of the Transplantation Society. 1997. (Simpósio).

67.
XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. 1997. (Congresso).

68.
Fourth Basic Science Symposium of the Transplantation Society. 1995. (Simpósio).

69.
IV Congresso da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO). 1995. (Congresso).

70.
IV Simpósio Yakult Internacional de Imunologia. 1995. (Simpósio).

71.
Reunião Anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental ? FESBE. 1994. (Congresso).

72.
III Congresso da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos. 1992. (Congresso).

73.
Massachusetts Institue of Technology - MIT Biology Meeting. 1992. (Congresso).

74.
VI Reunião anual da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FESBE). 1991. (Congresso).

75.
XLVII Congresso da Sociedade Brasileira de Cardiologia. 1991. (Congresso).

76.
II Congresso Latino-Americano de Imunologia (ALAI) e XV Congresso Brasileiro de Imunologia. 1990. (Congresso).

77.
II Simpósio Internacional de Imunologia da Yakult. 1989. (Simpósio).

78.
XVII Congresso Brasileiro de Imunologia, da SBI, IV Reunião Anual da Federação da Sociedade de Biologia Experimental. 1989. (Congresso).

79.
XVI Congresso Brasileiro de Imunologia, III Reunião Anual da Federação da Sociedade de Biologia Experimental. 1988. (Congresso).

80.
XVII Congresso Brasileiro de Reumatologia. 1988. (Congresso).

81.
International Symposium of Immunomodulators Biological and Therapeutic Applications. 1987. (Simpósio).

82.
XVI Congresso Brasileiro de Reumatologia. 1986. (Congresso).

83.
XXI Congresso Brasileiro de Médicos Residentes. 1986. (Congresso).

84.
49th Annual American Rheumatism Association Meeting. 1985. (Congresso).

85.
V Jornada de Reumatologia do Cone Sul, junto com a VIII Jornada Brasileira de Reumatologia. 1985. (Outra).

86.
XI Congresso Nacional de Médicos Residentes. 1985. (Congresso).

87.
X Congresso Nacional de Médicos Residente. 1984. (Congresso).

88.
XV Congresso Brasileiro de Reumatologia. 1984. (Congresso).

89.
Simpósio Interamericano de Reumatologia. 1983. (Simpósio).

90.
7. 3º Simpósio Internacional de Reumatologia Preventiva e 2ª Jornada da Sociedade de Reumatologia do Rio de Janeiro. 1981. (Simpósio).

91.
Simpósio Sobre Inflamação - Dor - Os Anti-inflamatórios, promovido pela Sociedade Pernambucana de Reumatologia e Sociedade de Medicina de Pernambuco. 1980. (Simpósio).

92.
VII Semana de Estudos sobre Saúde Comunitária - SESAC, promovida pela Universidade Federal do Espírito Santo. 1980. (Outra).

93.
XII Encontro Científico dos Estudantes de Medicina, promovido pela Universidade Federal do Paraná. 1980. (Encontro).

94.
XXXVIII Congresso Médico Acadêmico Estadual, promovido pela Sociedade de Internos dos Hospitais de Recife. 1979. (Congresso).

95.
X Encontro Científico de Estudantes de Medicina no Brasil, promovido pela Universidade Federal do Pará. 1978. (Encontro).

96.
XXXI Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). 1977. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
COELHO, V.; SANTOS, P. . Oficina de Introdução ao Jornalismo Científico. 2017. (Outro).

2.
MIGUEL, E. C. ; WUNSCH FILHO, V. ; COELHO, V. . Conferência USP 2013: FROM THE COMPLEX ETIOLOGY OF DISEASES TO TRANSLATIONAL STRATEGIES. 2013. (Outro).

3.
Irun Cohen ; COELHO, V. ; KALIL, Jorge ; Marcello André Barcinski ; Luís Eduardo Andrade . Conferência Internacional "Natural Autoimmunity Diseases & Adaptive Therapy". 2012. (Outro).

4.
COELHO, V.. Congresso Brasileiro de Células-Tronco e Terapia Celular. 2010. (Congresso).

5.
COELHO, V.. III Curso de Escrita Científica do Instituto de Investigação em Imunologia. 2009. (Outro).

6.
COELHO, V.. Semana Nacional de Ciência e Tecnologia - iii INCT. 2009. (Exposição).

7.
COELHO, V.. II Curso de Escrita Científica do Instituto de Investigação em Imunologia. 2008. (Outro).

8.
COELHO, V.; STOLF, B. ; PORTO, Georgia . ImmunoRio2007 Newsletters. 2008. (Outro).

9.
COELHO, V.. Lunch with the speakers - ImmunoRio. 2007. (Outro).

10.
COELHO, V.. I Curso de Escrita Científica do Instituto de Investigação em Imunologia. 2006. (Outro).

11.
J, KALIL ; CUNHA NETO, E ; GUILHERME, L ; COELHO, V. . V Reunião do iii Instituto de Investigação em Imunologia. 2003. (Outro).

12.
J, KALIL ; CUNHA NETO, E ; GUILHERME, L ; COELHO, V. . XXII Congresso da Sociedade Brasileira de Imunologia. 1997. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Tese de doutorado
1.
Maria Lucia Aparecida Carnevale Marin. PAPEL DE MICA, MHC Class I Chain related-A, NA ENDOMETRIOSE. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de Alergia e Imunopatologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. (Orientador).

2.
Daniele Viera Silva. Terapia imunorreguladora combinada com bactérias lácticas e aloantígenos recombinantes do doador, no alotransplante de pele murino. Início: 2017. Tese (Doutorado em Programa de Alergia e Imunopatologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Monografias de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Isys Santos Silva. VIA DE SINALIZAÇÃO mTOR E IMUNORREGULAÇÃO NA TOLERÂNCIA OPERACIONAL. Início: 2018. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Imunologia Clínica e Experimental.) - Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Amanda Cabral da Silva. MicroRNAs na tolerância operacional no transplante renal humano. 2018. Dissertação (Mestrado em Alergia e Imunopatologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

2.
Daniele Viera Silva. Administração combinada oral de aloantígenos e pró-biótico L.lactis Selvagem/ L.lactis HSP65 no transplante de pele alogeneico. 2017. Dissertação (Mestrado em Alergia e Imunopatologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

3.
Priscila Carmona. Papel da resposta celular antígeno-específica na tolerância operacional. 2016. Dissertação (Mestrado em Alergia e Imunopatologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

4.
Amanda Cabral Da Silva. Perfil de Expressão de microRNAs na Tolerância Operacional no Transplante Renal Humano. 2015. Dissertação (Mestrado em Alergia e Imunopatologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

5.
Carolina Lavini Ramos. Células Mesenquimais Humanas: Bases Moleculares da Atividade Imunorreguladora in vitro. 2011. Dissertação (Mestrado em Pós-graduação em Ciências Médicas.) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

6.
Fernanda Gonçalves Martello. Hsp60 e imunorregulação: estratégias para identificação de peptídeos imunorreguladores. 2010. Dissertação (Mestrado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

7.
Anna Paula Sheppard Guembes. Mapeamento de peptídeos da proteína de choque térmico Hsp60 potencialmente imunorreguladores no modelo murino. 2010. Dissertação (Mestrado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

8.
Maisa Carla Silveira Takenaka. Peptídeos urinários no transplante renal humano: busca de um perfil diferencial na tolerância operacional. 2010. Dissertação (Mestrado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

9.
Hui-Tzu Lin Wang. Autorreatividade humoral a peptídeos da miosina cardíaca e proteína de choque térmico 60: estudo sequencial em pacientes transplantados cardíacos e indivíduos sadios. 2009. Dissertação (Mestrado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, . Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

10.
Pedro Manoel Mendes de M Vieira. Estudo do perfil imunológico molecular em indivíduos transplantados renais com tolerância operacional. 2009. Dissertação (Mestrado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

11.
Gabriel Damiani Victora. Estudo da reatividade contra Hsp60 e Hsp65 em indivíduos portadores de tumor epidermóide de cabeça e pescoço vacinados com vacina de DNA-Hsp65, em ensaio clínico de fase I. 2006. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Universidade de São Paulo, . Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

12.
Rafael Ioschpe. Avaliação do polimofismo genético de citocinas e fatores de crescimento na suscetibilidade à rejeição crônica do enxerto renal. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Coorientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

13.
Karina Gil Portugal. Estudo Seqüencial da Resposta Proliferativa A Células Autólogas do Doador, Em Pacientes Transplantados Renais.. 1998. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

14.
Carlos Alberto Mayora Aita. Reatividade Humoral Anti-Célula Endotelial Em Transplante Cardíaco Humano e Doença de Chagas (Co-Orientação). 1998. Dissertação (Mestrado em Imunologia) - Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

Tese de doutorado
1.
Hernandez Moura Silva. Tolerância Operacional bo transplante renal humano: repertório de linfócitos B e de alo e autoanticorpos. 2011. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

2.
Georgia Sabio Porto Mundin. Identificação de Marcadores Moleculares para Células T Reguladoras com perfil CD4+25+ por Phage Display. 2008. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

3.
Evelyn Cristina Figueiredo Romão Volsi. Células dendríticas e a proteína de Choque térmico 60KDA (Hsp60): estratégias para imunorregulação do sistema imune murino. 2008. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

4.
Adalberto Socorro da Silva. Papel das células dendríticas no direcionamento funcional da auto-reatividade celular à Hsp60, em células humanas. 2007. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

5.
Cristina de Araújo Caldas. Estudo sequencial da auto-reatividade celular à proteína de choque térmico 60 em pacientes transplantados renais e indivíduos sadios: busca de epitopos potencialmente reguladores. 2005. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

6.
Ernesto Luna Vazquez. Caracterização de subpopulações de Linfócitos T pro-inflamatórios e reguladoras que reconhecem proteinas de choque termico no contexto de alotransplante murino. 2005. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

7.
Mônica Spadafora Ferreira. Estudo prospectivo da via indireta de alo-reconhecimento em pacientes transplantados renais. 2003. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

8.
C V GUERRA. Níveis de IL-5, IL-6, IL-10 e TGFb em pacientes com deficiência de imunoglobulina A. 2002. 100 f. Tese (Doutorado em Imunologia Clínica e Alergia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, . Coorientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

9.
Idania Glafira Marrero. Mecanismos de rejeição de enxertos sem disparidade H-2, em camndongos deficientes de moléculas de MHC de classe I. 2002. 0 f. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

10.
Francine B C Lemos. Uso do Micofenolato Mofetil na Nefropatia Crônica do Transplante: avaliações clínica, histológica e imunológica.. 2001. 0 f. Tese (Doutorado em Disciplina de Nefrologia) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, . Coorientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

11.
Clarissa de Brito Granja. Estudo sequencial da resposta celular anti-proteínas de choque térmico humanas no transplante renal.. 2000. 0 f. Tese (Doutorado em Imunologia) - Instituto de Ciências Biomédicas, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Marcus Paulo Ribeiro Machado. NEUROCIRCUITARIA FUNCIONAL DO COMPORTAMENTO COGNITIVO DO SISTEMA IMUNE EM DIFERENTES CONTEXTOS PATOLÓGICOS: TRANSPLANTE, TUMOR E INFECÇÃO. 2012. Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, . Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

2.
Alessandra Schanoski. Busca de moléculas efetivas na geração, expansão, sobrevivência e atividade funcional de células T reguladoras humanas naturais e induzidas. 2012. Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

3.
Ana Claudia Pelizon. Direcionamento in vivo de células dendríticas com peptídeo de Hsp60 para indução de tolerância do transplante alogênico murino. 2009. Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Vanessa Nascimento. IAnálise da atividade funcional, in vitro, do peptídeo R3D, homólogo à interleucina-21, em células mononucleares do sangue periférico humano.. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Programa Imunologia Clínica e Experimental) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, SECRETARIA DA SAÚDE. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

2.
Nathália Moreira Santos. Avaliação do repertório de linfócitos T na doença coronariana crônica. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Programa Imunologia Clínica e Experimental) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, SECRETARIA DA SAÚDE. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

3.
Débora Tiitus Marchi. Efeito de antígenos da Hsp60 na modulação de moléculas coestimuladoras e MHC em células dendríticas murinas. 2008. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Programa Imunologia Clínica e Experimental) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, SECRETARIA DA SAÚDE. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

4.
Ione Vaccari. Auto-reatividade a células autólogas e a peptídeos HLA-DR em indivíduos normais: estudo seqüencial. 1999. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Ciências Biológicas) - Universidade de Santo Amaro, Fundação Para o Desenvolvimento Admnistrativo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

5.
Marcelo Ortega Ruiz. Auto-reatividade e estudo alogeneico: estudo em pacientes transplantados renais e em linhagens alogeneicas derivadas de sangue periférico de indivíduos normais. 1999. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Imunologia) - Fundação Para o Desenvolvimento Admnistrativo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

6.
Anna Maria Bertini. Via indireta de alo-reconhecimento em pacientes transplantados renais. 1996. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Ciências Biológicas) - Universidade de Santo Amaro. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

7.
A Deleu. Aplicação da citometria de fluxo no acompanhamento de pacientes transplantados. 1993. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Ciências Biológicas) - Universidade de Santo Amaro. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

Iniciação científica
1.
Gabriel Taricani Kubota. Repertório de Linfócitos B na Doença Isquêmica do Coração. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Medicina) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

2.
Mateus Saito. Padronização de método para análise de citotoxicidade por citometria de fluxo. 1996. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Medicina) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

Orientações de outra natureza
1.
Jamille Ramos de Oliveira. Efeito dos peptídeos N6 e N7 da proteína de choque térmico 60 (Hsp60) na geração de células T reguladoras humanas periféricas e sua sobrevivência e atividade funcional. 2016. Orientação de outra natureza. (PAP - PROGRAMA DE APIMORAMENTO PROFISSIONAL) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

2.
Daniele Vieira Silva. Tolerância oral com Lactococcus lactis produtor de Hsp65 no transplante alogeneico. 2013. Orientação de outra natureza - Laboratório de Imunologia - InCor, SECRETARIA DA SAÚDE. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.

3.
Ana Paula Pacanaro. Efeito da HSP60 e de seu Peptídeo N7 sobre Células Tronco Mesenquimais: avaliação do potencial imunorregulador in vitro. 2012. Orientação de outra natureza. (Aprimoramento) - Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Orientador: Verônica Porto Carreiro de Vasconcellos Coelho.



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; MORAES, S. ; LAVINI-RAMOS,C. ; SANTOS, P. A. . Projeto Imunologia nas Escolas: um caminho da ciência na educação básica. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; MORAES, S. ; LAVINI-RAMOS,C. ; SANTOS, P. A. . Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; MORAES, S. . Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
Coelho, V. Projeto Imunologia nas Escolas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
Coelho, Verônica; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; Moraes, S . Immunology in Schools Project. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Desenvolvimento de material didático ou instrucional
1.
Coelho, V; CUNHA, P. ; SAMPAIO, S. O. ; Moraes, S . Apostilas do Projeto Imunologia nas Escolas - iii-INCT. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Apostilas).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
COELHO, V.; SANTOS, P. . Oficina de Introdução ao Jornalismo Científico. 2017. (Outro).


Redes sociais, websites e blogs
1.
Manoel Barral-Netto ; CALDAS, Cristina ; Bilate, Angelina M.B. ; Coelho, V . Blog da SBI. 2011; Tema: Imunologia. (Blog).

2.
Manoel Barral-Netto ; Coelho, V ; CALDAS, Cristina ; Bilate, Angelina M.B. . Blog da SBI. 2010; Tema: Imunologia. (Blog).



Outras informações relevantes


1) Parecerista ad hoc da Comissão de Ética em Pesquisa em Seres Humanos do Instituto de Ciências Biomédicas, da USP

2) Sabático no King's College London - University of London (Julho 2013-Julho 2014) em colaboração também com o MIT, desenvolvendo projeto de pesquisa: "A new look at operational tolerance using Systems Biology strategies". Colaboradores internacionais: Maria Hernandez-Fuentes no King?s College (Supervisora) e Douglas Lauffenburger (MIT).



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/02/2019 às 11:28:10